Issuu on Google+

BAIRRO NOSSO

www.jspisos.com.br

Televendas 3427-0010 jspisos@jspisos.com.br

www.jnbonline.com.br

O jornal da comunidade

Joinville - SC

01 de Junho de 2013 - Edição 28

Compartilhe este exemplar com um amigo

Distribuído em todos os bairros de Joinville

GRÁTIS

Abertura de carros Abertura de residências Colocação de fechaduras Consertos em geral

Foto: Jacson Carvalho/JNB

Impasse na saúde do servidor

PLANTÃO 36 HORAS

Afiação de alicates de cutícula Afiação de tesouras Xerox

Rua: Prefeito Wittch Freitag, 1946 Binário do Iririú - Esquina c/ Rua Papa João XXIII

D

e acordo com pesquisa da Fecomércio-SC, que entrevistou empresários da cidade, cada turista gastou, em média, R$ 124,33 e os hotéis tiveram ocupação de 89,9%, com um gasto médio de R$ 204,77 por pessoa durante todo o evento esportivo. (Leia mais...)

Segurança

21

Motoristas sem limite de velocidade

Você sabe se proteger? Foto: Jacson Carvalho/JNB

DESTAQUES

Codificamos controles - Portões - Carros

15 Boca no Trombone

UFC em Jaraguá dá resultado positivo na economia

WWW.CHAVEIROIMPACTO.COM CHAVEIRO.IMPACTO@HOTMAIL.COM

Região

03

E

m uma das avenidas mais movimentadas de Joinville está o problema da leitora Priscila Tássia Amaral, a Avenida Paulo Schroeder. “É uma avenida muito movimentada, que trafega caminhões o tempo todo que vêm da BR-101 pelo Eixo Sul que passa por essa avenida”, conta ela. (Leia mais...)

Foto: Divulgação

04

Foto: Divulgação

3437-7778 9961-3672 8468-4067

Com contrato vencido, empresa Vitaserv não tem retorno da prefeitura sobre renovação e servidores assinam abaixo-assinado pedindo o plano. Sindicato da categoria é contra a assistência particular que, segundo eles, é má administrada

P

retendemos neste e nas próximas edições mostrar de forma mais clara possível dicas que podem, de uma certa forma, tornar a sua vida um pouco mais segura, evitando com isto que suas atitudes e ações possam facilitar a ação de pessoas mal intencionadas. (Leia mais...)


Expediente: • Gestor Executivo/Jornalista Responsável: Jacson Carvalho (2452/SRTE-SC) • Marcos Aurélio Costa Executivo de Contas Email: comercial@jnbonline.com.br • Projeto gráfico e diagramação: Jacson Carvalho • Ilze Moreira Jornalista - Colunista “Repercussão” Email: ilze.moreira@gmail.com • Ariane Pereira Jornalista - Colunista “Farejando” Email: farejando@jnbonline.com.br • Carlito Cartunista “GÊNIO” Email: carlito@jnbonlie.com.br • Geizieli Neumann Colunista “Moda” Email: moda@jnbonline.com.br

Serviços

• • • • • • •

Ligue agora!

Primeira habilitação Segunda via da CNH Adição de categoria Carteira definitiva Mudança de categoria Reciclagem Renovação da CNH

47) 3027-2786 47) 3029-2786

• Rozane Campos Jornalista - Colunista “Esporte/Aventura” Email: esporteaventura@jnbonline.com.br • Aurélio Ramos Colunista “Esporte Mania” Email: sportmania@jnbonline.com.br • Elaine Cristina Borges Colunista “Turismo” Email: turismo@jnbonline.com.br

cfcaventureiro@hotmail.com www.cfcaventureiro.com.br

Rua Tuiuti, 1.694 Avetureiro - Joinville-SC

• Major Coelho Major da PM, Comandante da 2ª Companhia de Aviação da PM-SC Colunista “Polícia” Email: policia@jnbonline.com.br • Camilla Gonçalves Repórter e Revisão de conteúdo Email: jornalismo@jnbonline.com.br • Ingrid Passos Hille Jornalista - Colunista “Prato feito” Email: pratofeito@jnbonline.com.br • Tiago Gancheiro Advogado OAB/SC 35.391 Colunista “Saber Direito” Email: saberdireito@jnbonline.com.br • Bárbara Vicente de Souza Colunista “Saúde” Email: saude@jnbonline.com.br • Rosangela Chiodini Colunista “Emprego” Email: emprego@jnbonline.com.br • Gabriela Schiewe Colunista “Política” Advogada OAB/SC 23554 Email: politica@jnbonline.com.br • James Klaus Colunista “Comunidade” Email: comunidade@jnbonline.com.br • Tarcísio André Colunista “ClickVips” Email: tarcisio.andre@jnbonline.com.br

Contato: WWW.JNBONLINE.COM.BR Email: jnb@jnbonline.com.br Fone: (47) 9911-1016 O JORNAL NOSSO BAIRRO é publicado quinzenalmente e distribuído de forma gratuita nos bairros de Joinville. Qualquer publicação por parte dos anunciantes e colunistas são de inteira responsabilidade dos que assinam. Filiado:

Edição anterior:

Rua: Inambú, 3570 Costa e Silva - Joinville


JOINVILLE

jornalismo@jnbonline.com.br

03

Joinville/SC - 01 de Junho de 2013

E a saúde do servidor?

Matrículas Abertas

Prefeitura não se manifesta e plano de saúde dos servidores faz abaixo-assinado pedindo a renovação do contrato. Sinsej aponta deficiências na assistência particular

mpasse na saúde do servidor público municipal de Joinville. Enquanto o Sindicato dos Servidores Públicos de Joinville (Sinsej) aponta deficiências na Unidade de Saúde do Servidor, por falta de investimento da prefeitura, o Vitaserv (plano de saúde feito exclusivamente para os servidores públicos municipais de Joinville e seus dependentes) afirma que não recebe mais o repasse do subsídio do executivo (de R$ 460 mil por mês) desde janeiro deste ano. O plano de saúde particular disponível para adesão dos funcionários públicos existe desde fevereiro de 2006, na parceria firmada entre a prefeitura e o Vitaserv durante a gestão do ex-prefeito Marco Tebaldi, ou seja, não houve licitação. A empresa do plano de saúde foi criada para atender unicamente os servidores de Joinville, porém, não teve seu contrato renovado desde dezembro de 2012, quando o governo do ex-prefeito Carlito Merss assinou o aditivo do contrato para vigorar até março de 2013, mas não publicou no Diário Oficial, com isso, não houve validade no documento. Segundo o gerente do Vitaserv, Luiz Fernando Romais, a prefeitura de Joinville não dá posicionamento sobre a renovação ou não do contrato e enquanto isso o plano continua dando assistência aos servidores credenciados, que não são nem a metade do total. Atualmente, o total de servidores que optou por se credenciar ao plano é de 2.300 pessoas. “Estamos conseguindo dar seguimento ao trabalho pela mensalidade, claro, dos usuários e pelo dinheiro que temos”, conta o gerente. Mas, eles afirmam que esperam o cumprimento de uma das promessas de campanha do atual prefeito, Udo Dohler, onde a Vitaserv foi mencionada como um problema que teria uma solução em seu governo, e o pagamento retroativo dos últimos três meses do subsídio. “Agora a única alegação é que precisam solucionar problemas de salário e dificuldade financeira”, diz o gerente. Enquanto isso, o Sinsej se posiciona contrariamente ao plano de saúde particular, afirmando que os mais de R$ 5 milhões por ano repassados em forma de subsídio para esse plano deveria ser investido na construção de postos de saúde ou em manutenção de Unidades

Foto: Jacson Carvalho/JNB

I

Servidores se mobilizam para cobrar repasse de verba da prefeitura de Saúde da Família. “A proposta do Sinsej é que a prefeitura invista de fato numa solução para saúde do servidor. E comece repassando o valor que é dado ao Vitaserv no Ambulatório do Servidor, para a desenvolver uma policlínica do Servidor. Com atendimento gratuito e direcionado a saúde do trabalhador”, declara o sindicato da categoria. O gerente do Vitaserv afirma ser inviável a proposta do sindicato, uma vez que é fisicamente impossível concentrar num espaço todos os benefícios oferecidos, como faz o plano de saúde. “E além disso, os aposentados do município não têm o direito a essa assistência, já no plano privado eles podem se cadastrar”. O plano tem uma tabela de preço que é aplicada de acordo com a idade do usuário. O valor inicial pago por mês pelo mais novo é de R$ 80, podendo chegar a R$ 540 aos 59 anos de vida. Quatro hospitais, 130 clínicas, 430 profissionais e 55 especialistas estão cadastrados e atendem pelo Vitaserv, em âmbito municipal. Somente um hospital, o Instituto de Psiquiatria de Santa Catarina fica fora da cidade, em São José/SC. E, um dos maiores hospitais de Joinville, o Hospital Dona Helena, não atende aos servidores do município credenciados ao Vitaserv no Pronto Socorro, uma opção do plano, já que os serviços médicos e clínicos são mais caros. Exceto em situações onde os outros hospitais não podem atender por alguma razão, o usuário é encaminhado ao Dona

Helena. Procurados pela reportagem do JORNAL NOSSO BAIRRO, a Prefeitura de Joinville não se pronunciou sobre o assunto até o fechamento desta edição. Enquanto o Vitaserv aguarda o posicionamento, o Sinsej pretende articular junto à prefeitura que esse dinheiro seja investido no atendimento básico dos, aproximadamente, 12 mil servidores; uma vez que os servidores credenciados ao plano não passa de 2.500 pessoas. O presidente do Sinsej, Ulrich Beathalter, ressaltou que esta medida beneficiaria de forma emergencial a toda categoria, mas que o sindicato não se opõe a uma solução adicional encontrada pelo Executivo. Com a falta do repasse, os servidores que pagam o Vitaserv tiveram um aumento na mensalidade, como forma de compensar a falta de repasse do executivo desde o início do ano.

A empresa do plano de saúde foi criada para atender unicamente os servidores de Joinville, porém, não teve seu contrato renovado desde dezembro de 2012

- Valor da Mensalidade R$ 95,00 - Aula uma vez por semana com carga horária flexível - Material didático gratuito

(47) 3422-8735 / 9159-6532


04 Joinville/SC - 01 de Junho de 2013

U

REGIÃO

Criada diretoria da Defesa Civil em Araquari

ma das primeiras ações da Prefeitura em 2013 foi fortalecer e discutir medidas de combate às enchentes na cidade. E como medida para estruturar e promover maior eficácia nas ações dos profissionais da Defesa Civil de Araquari, o Governo Municipal estruturou o departamento da Defesa Civil como diretoria, com o objetivo de atuação permanente e exclusiva em situações de emergência e promoção do bem-estar social. Historicamente a atividade

da Defesa Civil era desempenhada por voluntários e por servidores públicos que, no dia a dia, exerciam cargos em outras áreas. Agora, o novo órgão será responsável exclusivamente pelo conjunto de ações preventivas e emergenciais que visem minimizar os efeitos de desastres. O diretor da Defesa Civil de Araquari, Paulo Roberto de Melo, destacou a importância da criação da Diretoria Municipal. “A nova diretoria proporcionará para todos os mo-

radores do município maior assistência e ação frente aos eventos danosos que possam vir acontecer. É necessário que todos estejam conscientes da importância desse órgão”, comentou. Além disso, o novo órgão será responsável por promover campanhas que visem prevenir ou minimizar as consequências dos eventos desastrosos, além de socorrer e assistir as populações atingidas. Para o coordenador da Defesa Civil de Santa Cata-

jornalismo@jnbonline.com.br

UFC em Jaraguá dá resultado positivo na economia O evento esportivo causou uma alta de 37,03% no faturamento do comércio e de 54,6% no hoteleiro

rina, Antonio Edival Pereira, a transformação da Defesa Civil municipal em diretoria é um grande avanço para Araquari. Segundo ele, há poucos municípios no Estado que tem a Defesa Civil instituída. “Dentro da Secretaria de Desenvolvimento Regional, Araquari se destaca como o primeiro município da região norte a estabelecer uma diretoria de Defesa Civil própria”, comentou. [Fonte: Assessoria Imprensa/Araquari]

O

Ultimate Fighting Championship (UFC), que ocorreu no dia 18 de maio, gerou variações positivas no comércio e setor hoteleiro de Jaraguá do Sul. De acordo com pesquisa da Fecomércio-SC, que entrevistou empresários da cidade, cada turista gastou, em média, R$ 124,33 e os hotéis tiveram ocupação de 89,9%, com um gasto médio de R$ 204,77 por pessoa. Ao todo, o evento esportivo causou uma alta de 37,03% no faturamento do comércio e de 54,6% no hoteleiro. A avaliação do movimento de turistas durante o período foi positiva, o que mostra coerência na percepção dos empresários quanto à variação no faturamento. A avaliação do impacto do evento no comércio de Jaraguá do Sul foi muito boa, com uma maioria (de 81,25%) que considerou positivo o impacto do UFC para o comércio de Jaraguá do Sul, contra os 18,75% que o consideraram neutro. No perfil do turista que se hospedou em Jaraguá do Sul para participar do UFC, predominaram os grupos formados por jovens e adultos, com 92,9% na faixa etária dos 26 aos 40 anos. Os gru-

pos de viagem foram, principalmente, formados por familiares e amigos (85,8%), sendo as famílias compostas por grupos de duas pessoas, o que mostra que o evento foi um programa de casais. Já os grupos de amigos foram formados, em média, por 3,6 pessoas, variando de 2 a 6 componentes. Além de incrementar a economia local, o evento também foi responsável por movimentar municípios vizinhos, como Joinville, Blumenau e Balneário Camboriú. Restaurantes e hotéis da região receberam turistas de todo o país na semana do evento. Vale lembrar que a catarinense foi o primeiro município no interior do Brasil a receber o torneio, graças ao Arena Jaraguá, considerado pelo UFC um dos três melhores ginásios do País. O UFC é a maior organização de artes marciais mistas (MMA) do mundo. Inspirado por torneios de vale-tudo de origem brasileira, os lutadores de MMA praticam diferentes artes marciais, tais como jiu-jitsu brasileiro, boxe, wrestling, muay thai, judô, karatê e tae kwon do, entre outras. [Fonte: economiasc.com.br]


POLÍTICA

05

Gabriela Schiewe politica@jnbonline.com.br

Joinville/SC - 01 de Junho de 2013

“Eu quero ser prefeito” Foto: Divulgação

Vereador Maycon Cesar afirma que será Prefeito de Joinville, pois está se preparando para isso PLANOS MENSAIS E SEMANAIS HOTELZINHO INFANTIL Aulas Extras de: • Inglês duas vezes por semana • Dança uma vez por semana • Capoeira uma vez por semana

Rua Marechal Hermes, 678 - Glória

C V

ereador mais popular e atuante nas causas mais impactantes hoje na Câmara de Vereadores de Joinville, Maycon Cesar, nome político, como ele mesmo pronunciou, hoje com 29 anos, mas eleito quando tinha 28, tornou-se o vereador mais novo eleito da cidade de Joinville, tendo como profissão, consultor de eventos. Gabriela Schiewe – Vereador, o que o senhor está achando do seu trabalho na Câmara de Vereadores? Maycon Cesar – Eu me preparei 5 anos para isso. Estou contente, a minha equipe é eficiente, estamos realizando os trabalhos necessários, na medida do possível. Mas frustrado em alguns aspectos, como no caso do IPTU ser levado a protesto. O Poder Legislativo está perdendo seu espaço, virando apenas uma casa de homologação do Poder Executivo. Eu me sinto impotente nessas horas. GS – E a respeito do trabalho dos seus colegas de vereança, qual a sua opinião? MC – Cada um cuida do seu trabalho. Só quando existe algum assunto negativo, que irá afetar a população, eu busco explicações deles, vou à Tribuna, do contrário faço o meu trabalho apenas.

GS – Como foi lidar com a pressão negativa devido as situações ocorridas no passado a respeito dos casos dos shows? MC – Provei judicialmente que essas situações não procedem, não são verdadeiras. Sempre existe os “dois lados da moeda”. Eu busquei judicialmente provar que o que estavam falando ao meu respeito não procedia, tanto que ganhei uma ação em primeiro grau e a pessoa terá que se retratar na mesma proporção das alegações feitas. GS – O seu trabalho é de oposição ou situação? MC – “Situação” (nesse momento o vereador respondeu de maneira categórica e enfática). A partir do momento que assumi a presidência do PR, defini que apoiaríamos o hoje prefeito e o partido foi fundamental para a sua vitória. No entanto, quando houver uma questão contrária ao povo, estarei sempre do lado do povo. GS – Qual o seu principal projeto na Câmara hoje? MC – Não tenho como responder apenas um, posso te citar três: 1- Projeto de Lei Ordinária 85/2013 – estabelece prazo de 48 horas para o conserto de ruas e calçadas;

2- Projeto de Lei 25/2013 – normatização da lista de materiais escolares 3- Projeto de Resolução 06/2013 – acerca da cobrança do IPTU. GS – Como o senhor avalia o nosso governo até o presente momento? MC – “Decepcionado” (mais uma vez o vereador respondeu enfaticamente). Apoiei, torci, mas a verdade é que a cidade está parada. E justificar essa inércia pela falta de dinheiro, não é possível diante da alta arrecadação. GS – Quais as pretensões do vereador daqui para frente? MC – Eu quero ser prefeito. Eu vou ser prefeito de Joinville. Estou me preparando para isso. É o meu objetivo, que começou há 5 anos.

MICHELAINE

Horário de atendimento: Segunda à Sexta 7h30 - 12h00 13h30 - 18h30 Sábados 7h30 - 12h00 13h30 - 17h00

(47) 3473-7207 Rua Inambú, 2910 - Costa e Silva - Joinville -SC

MOTOS RW SEMPRE O MELHOR PREÇO

: s a t r e f o s a a ir f n Co

• KIT DE RELAÇÃO AÇO 1045 Eu vou ser prefeito de Joinville. Estou me preparando para isso. É o meu objetivo, que começou há 5 anos

R$ 39,90

Todos os itens das ofertas, a colocação é grátis!

para YBR, TITAN, BIZ • PNEU DE MOTO A PARTIR DE:

R$ 64,90

dianteiro e traseiro para YBR, TITAN, BIZ • ÓLEO DE MOTO IPIRANGA

R$ 9,90

3422-4301 8483-7050

Rua: Albano Schimidt nº 1189 - Boa Vista - Joinville Em frente à Mecânica Industrial Vick Ltda. após a Vanessa Modas


06

SABER DIREITO Dr. Tiago Gancheiro

saberdireito@jnbonline.com.br

Joinville/SC - 01 de Junho de 2013

Renovação automática de assinatura Foto: Divulgação

Comodidade fora da legalidade

A O CLÉCIO UTO LAVAÇÃ

A V L I S E A T & A S B O A C R I E B A R I P • • • • • • •

LAVAÇÃO COMPLETA LAVAÇÃO DE MOTORES CERA ESPELHAMENTO 3M CRISTALIZAÇÃO DE PARA-BRISAS HIGIENIZAÇÃO DE AR CONDICIONADO POLIMENTO

Costa e Silva

Pirabeiraba

Fone: (47) 3435-1228 (47) 8807-8820

Fone: (47) 3435-1923

Rua: Alícia Bittencourt Ferreira, 514

Rua: Joinville, 13855

S

ão muitas as formas de oferecer “comodidade” ao cliente, mas nem sempre essas formas oferecidas estão de acordo com a lei. Nos tempos atuais em que a impessoalidade governa, você não precisa se levantar da cadeira ou sofá para adquirir produtos ou serviços. Mas toda essa “comodidade” pode trazer muita dor de cabeça. Então, saiba mais sobre essas práticas e previna-se contra elas. Em termos de internet o que não falta é oferta. Preços baixíssimos, oportunidades únicas e comodidade total. E algo muito comum ofertado na internet são os serviços com prazo gratuito, ou seja, uma amostra grátis do serviço que o consumidor poderá adquirir. Aliado a isso vem a “comodidade”, visto que se você não cancela o serviço no prazo previsto, é entendido que você optou pela aquisição do mesmo e começa a cobrança, geralmente com descontos em cartão de crédito ou conta bancária. Este tipo de “promoção” é muito comum com sites de cadastro currículo, editoras de revistas e jornais dentre outros tantos impossíveis de listar. A princípio essa prática adotada não tem nada de irregular. É até uma ótima estratégia de venda, visto que se o cliente gostar

mesmo do serviço certamente o contratará. Mas algumas empresas vão contra o Código de Defesa do Consumidor e acabam por cometer abusividades contra o consumidor. E a abusividade em questão, é quando o prazo gratuito termina e sem a anuência do consumidor é iniciada a cobrança do serviço. Agindo assim, a empresa esquecese do direito básico do consumidor à informação, interpretando o silêncio do consumidor como anuência. Porém, no Direito do Consumidor, não podemos fazer uso do jargão popular “quem cala, consente”. Então, para que a renovação da assinatura seja válida, o consumidor deve consentir expressa e totalmente. A informação deve ser prévia, de que o consumidor poderá solicitar essa renovação ou então a cobrança automática, de forma própria. O aviso deve ser ostensivo e claro para que você, consumidor, o aceite, independente do que conste no contrato. Se não houver o consentimento do consumidor qualquer cláusula que preveja renovação automática acaba sendo nula. Caso você seja vítima dessa situação, entre em contato com a empresa, solicite o cancelamento do serviço e a restituição do seu dinheiro. Procure também o Pro-

con, para que sejam tomadas as medidas cabíveis contra esta empresa. E em últimos casos, é totalmente possível o ingresso com uma ação judicial para reaver os valores cobrados indevidamente, que nos termos do parágrafo único do artigo 42 do Código de Defesa do Consumidor, o consumidor “tem direito a repetição do indébito, por valor igual ao dobro do que pagou em excesso, acrescido de correção monetária e juros legais...”. Estas foram as dicas desta edição, não deixe de acompanhar as próximas e se tornar um consumidor mais informado! Seja também um leitor participante, envie suas dúvidas ou um tema em que gostaria de saber direito, para: saberdireito@jnbonline.com.br, e até a próxima edição.

Então, para que a renovação da assinatura seja válida, o consumidor deve consentir expressa e totalmente


REALIDADE

07

Jacson Carvalho jnb@jnbonline.com.br

Joinville/SC - 01 de Junho de 2013

Bombeiros Voluntários de Joinville. Voluntários a serviço da vida.

Conte até 10

Campanha nacional tenta conscientizar sociedade para pensar um pouco antes de cometer crimes. Atletas famosos do UFC abraçaram a causa

S

tress, correria do dia a dia, contas para pagar, brigas domésticas e inúmeros problemas acarretam diretamente no nosso sistema nervoso. Basta descuidar um pouco e já estamos descarregando nossa raiva em alguém. Quando isso resulta numa rispidez de voz ainda temos como voltar atrás, pedir perdão e continuar a viver normalmente. Mas nem sempre é assim, a campanha criada pelo Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP) quer tentar diminuir o número de homicídios que ocorrem justamente porque muitas pessoas não pensaram um pouco mais. Grande parte dos assassinatos acontece por motivos fúteis, pequenas dívidas, brigas domésticas e o que mais mata, briga no trânsito. Quem já não se estressou enquanto dirige, com alguém que cortou sua frente, que fica se “amarrando” pra entrar na via ou manter a velocidade permitida? Você já deve ter ouvido alguém dizer enquanto dirige “há se eu tivesse uma arma”. Eu sim, já ouvi várias vezes pessoas estressadas no trânsito comentarem isso. Como muitos nos dias de hoje possuem uma arma o resultado disso é a morte de alguém e destruição de uma vida e uma família por conta, também, de quem comete o delito. Parar e contar até 10 já é um jargão norte-americano antigo, toda vez que as pessoas estão com medo ou com raiva é natural elas pararem e contarem até

10. Parece pouco, mas é o tempo suficiente para pensarmos e refletirmos um pouco mais. Engraçado, como é fácil pegar jargões idiotas neste país, é o tal do “Lek Lek”, “partiu”, “vazou”, “perdeu playboy”, “tá me tirando?” e assim vai. Mas, parar para refletir, contar até 10 parece ser realmente muito difícil. A campanha veio em boa hora e as estrelas que se comprometeram com a causa não poderiam ser o melhor exemplo. Lutadores esportistas vestiram a camisa para conscientizar a sociedade que para descarregar as energias existem outros meios. No último dia 27 os lutadores Anderson Silva e Junior Cigano, campeões mundiais do UFC, e judocas Leandro Guilheiro e Sarah Menezes, medalhistas olímpicos fizeram o lançamento da campanha em âmbito nacional. A

medicina também estuda estes comportamentos há muitos anos e uma das sugestões dos pesquisadores são as caminhadas matinais em dias de sol. Segundo os médicos, a caminhada estimula a glândula hipófise que regula o relógio biológico e libera os hormônios, entre eles a serotonina que estimula o sono e repara o sistema nervoso causado geralmente pelo stress. Então fica aí a dica para uma melhor qualidade de vida: conte até 10!

Parar e contar até 10 já é um jargão norteamericano antigo, toda vez que as pessoas estão com medo ou com raiva é natural elas pararem e contarem até 10

Desde 1892, os Bombeiros Voluntários de Joinville são os nossos guardiões preparados para enfrentar situações de urgência e emergência no dia a dia da cidade. A gente nunca sabe quando, mas pode precisar dos Bombeiros Voluntários de Joinville. E eles estarão prontos para nos atender.

Colabore com os Bombeiros Voluntários de Joinville, ligue: 0800-6430193.


VEÍCULOS

08

Joinville/SC - 01 de Junho de 2013

Que modelo de carro você procura?

Sistema Locker ajuda em situações difíceis Há cinco anos no mercado, sistema instalado no diferencial do veículo melhora aderência e evita patinamento

Foto: Divulgação

Procurando por carro?

jornalismo@jnbonline.com.br James Klaus

3436-0593 9964-3392 M

Rua Santa Catarina, 588 Bairro Floresta - Joinville -SC

uitos motoristas já passaram pela situação em que o carro patina ou encalha. Comum em terrenos encharcados ou instáveis, como lama, areia e inclinações, no caso do veículo não possuir dispositivo de tração nas quatro rodas (4x4), a tração dianteira perde a aderência e simplesmente patina. A consequência é o conhecido encalhamento das rodas, que atoladas em lama ou areia, provocam ainda um afundamento, inviabilizando o movimento do carro. A situação de perigo também pode ocorrer em subidas íngremes ou em inclinações laterais, onde a gravidade provoca o patinamento das rodas, colocando o motorista em situações de risco, como perder o controle do veículo numa subida e voltar de ré. Para a m e nizar o problema de patinar, as empresas Eaton e a Fiat Powertrain Te c h n o l o g i e s (FTP) desenvolveram um sistema de bloqueio do diferencial na tração dianteira 4x2 para veículos leves, denominado C510 Locker. Esse sistema neutraliza o funcionamento do diferencial do carro, ou seja, faz com que as duas rodas girem juntas, e não da forma independente proporcionada pelo diferencial. A ação conjunta das rodas proporciona força sincronizada e fornece maior aderência, amenizando o efeito patinação. Esse impulso extra é que fará com que o veículo tracione lentamente em ambas as rodas, através do travamento do diferencial, fazendo o carro sair de atoleiros e não patinando em inclinações. Para resumir, o sistema Locker modifica

o trabalho do diferencial. A função do diferencial do veículo é permitir que as rodas dianteiras descrevam percursos e rotações diferentes na curva. Se uma das rodas perder aderência irá fatalmente patinar, pois transmite a força do movimento para si. Acionando o Locker, anula-se a independência das rodas e estas passarão a trabalhar juntas, na mesma velocidade e em dois pontos de apoio, movendo o veículo. A ativação do Locker é feita manualmente, acionando um

botão no painel e com o veículo parado e com o carro freado no pedal de freio. Superado o obstáculo, o sistema desliga automaticamente assim que o carro atingir a velocidade de 20 km/h. A sincronização acontece nas 1ª e 2ª marchas a um torque máximo de 18,3 kgm. A Fiat utiliza o dispositivo, que é opcional, nos modelos Adventure da perua Palio Weekend Adventure, Doblô Adventure e versões com proposta off Road. O dispositivo Locker custa em média R$ 1.300,00 e pode vir instalado da fábrica, no caso dos carros zero quilômetro. Outras marcas ou modelos de veículos, inclusive com tração nas quatro rodas (4x4) podem receber

o Locker, e, segundo o fabricante, dessa forma fica quase impossível encalhar, no caso do veículo ter tração 4x4. É claro que o sistema deve ser acionado em casos específicos, e não se espera que ninguém enfie o carro em lamaçais ou em inclinações de alto risco apenas para se divertir. Para isso, o ideal é optar por um modelo jipe ou pick up tracionados, com suspensão e pneus especiais. O Locker é uma força extra p a r a

ajudar o motorista naquelas situações inesperadas, como estacionar em campos ou praia e precisar que alguém – os familiares, na maioria das vezes – empurrem o carro para fora do atoleiro.

Para amenizar o problema de patinar, as empresas Eaton e a Fiat Powertrain Technologies (FTP) desenvolveram um sistema de bloqueio do diferencial na tração dianteira 4x2


CLASSIFICADOS www.jnbonline.com.br

09

Joinville/SC - 01 de Junho de 2013

do. Prestar serviços de manutenção dos equipamentos de informática, dar assistência. Rh Center Ltda

AUTOS

DIVERSOS

VENDO Ford Fiesta hatch 1.0 Trail 2008. R$ 23.900,00, cor prata, ótimo estado. Fone: (47) 3435-0279

VENDO 3 mil telhas com dois anos de uso para retirar do local. R$ 800,00 Fone: (47) 3467-6416

IMÓVEIS

VENDO mesa p/escritório em formato de L semi nova ,valor R$ 150,00 Fone: (47) 3433-5539 horário comercial

GERENTE DE POSTO – Conhecimento na função. Salário: R$ 2.100,00. Horário: 08:00 às 20:00.

COMPRO seladora de plástico em bom estado, Ligar para (47) 9911-1016 em horário comercial.

ESTÁGIOS Cursando Engenharia Ambiental. Horário de trabalho: 08:00 às 15:00. Salário: R$ 933,87. Benefícios: VA e VT.

ALUGO apartamento no condomínio Guanabara (bairro Guanabara). 70m², 2 quartos, 1 bwc, sala, cozinha e lavanderia. 4º andar. Estacionamento descoberto. R$ 400,00 + Iptu e tlu. 3025-3000 ALUGO sala comercial no Costa e Silva, 40 m². Rua Codornas perto do Mercado Campos. Sala nova, toda envidraçada, com gesso e boa iluminação. Fone: (47) 9952-1959

TROCO Playstation II com sete jogos + note book Acer por X-box. Fone: (47) 9995-5530, (47) 8406-3390 VENDO receptor de TV Digital (canais HD). R$ 400,00 Fone: (47) 9648-5679 VENDO Monitor CRT Philips 15” Branco R$ 50,00 - (47) 9648-5679 VENDO boné marca (apple) cor azul marinho - R$ 60,00 Fone:(47) 9648-5679

EMPREGOS Vagas divulgadas pelo SINE: Rua Ministro Calógeras, 656 - Centro -Joinville.

Anuncie aqui! Entre no site: www.jnbonline.com.br

Clique em: Classficados e envie seu anúncio.

É grátis!

Vaga de Auxiliar de Produção, 1º grau completo. Para atuar em indústria na região de Pirabeiraba.

VAGAS - Segur RH - Rua Blumenau, 314 Centro -Joinville

Cursando técnico em Eletrotécnica. Horário de trabalho: 08:00 às 15:00. Salário: R$ 933,87. Benefícios: VA e VT. Cursando técnico em Mecânica. Horário de trabalho: 08:00 às 15:00. Salário: R$ 933,87. Benefícios: VA e VT. Cursando técnico ou superior em Química. Horário de trabalho: 08:00 às 15:00. Salário: R$ 933,87. Benefícios: VA e VT. Cursando Superior em Administração, Marketing ou Ciências Econômicas. Horário: 10:30 às 12:00 e das 13:00 às 17:30. Bolsa auxílio R$800,00 VT + VR. VAGAS TÉCNICAS ELETRICISTA DE MANUTENÇÃO PATRIMONIAL – Conhecimento na função. Horário de trabalho: de segunda/sextafeira, das 08:00 às 18:00.

Vagas para horário da manhã e tarde. Ensino Fundamental Completo Empresa

ELETRICISTA DE MANUTENÇÃO - Conhecimento com painéis elétricos. Curso de NR10. Disponibilidade para turno comercial ou tarde. Empresa em Pirabeiraba.

Vaga de Almoxarife 1º grau completo. Algum conhecimento na função. Ensino Fundamental Completo

MECÂNICO DE MANUTENÇÃO – Conhecimento na função e curso de eletroeletronica.

Empresa: Grupo Meta Vaga de Auxiliar Administrativo para atuar como auxiliar de serviços postais. Necessário conhecimento em informática. Horario: de segunda a sexta-feira das 08:00 às 17:20 horas.

MONTADOR DE PAINÉIS ELÉTRICOS – Cursando Eletrotécnica, horário comercial com disponibilidade para horas extras, salário R$1074,04 mais benefícios.

Vaga de Técnico de Informática Curso técnico completo ou superior cursan-

TÉCNICO EM PROCESSOS/PLÁSTICOS - Conhecimento no processo de injeção de plástico. Formação técnica de nível médio na área de plástico.

Assistência técnica autorizada

47 3435-5050

WWW.PRISMAMANUTENCAO.COM.BR prisma@prismamanutencao.com.br Rua: Vice Pref. Luiz Carlos Garcia, 567 Costa e Silva - Cep: 89219-370 Joinville/SC


10

ESPORTE/AVENTURA Rozane Campos Joinville/SC - 01 de Junho de 2013

Serviços

Primeira habilitação Segunda via da CNH Adição de categoria Carteira definitiva Mudança de categoria Reciclagem Renovação da CNH

47) 3027-2786

Joinville é celeiro de grandes atletas

47) 3029-2786

Foto: Divulgação

• • • • • • •

Ligue agora!

esporteaventura@jnbonline.com.br

cfcaventureiro@hotmail.com www.cfcaventureiro.com.br

Rua Tuiuti, 1.694 Avetureiro - Joinville-SC

Sabe quanto custa

anunciar aqui? Promoção:

Agora eu posso! Tamanho 10x12cm

Ligue: (47) 9911-1016 / (47) 3467-5158

www.jnbonline.com.br

m meados do século XIII, havia na França um tradicional jogo denominado “Jeu de Pame”, traduzido como jogo de mão, no qual os jogadores utilizavam as mãos para rebater a bola contra a parede. Foi assim então que após todo um processo de transformação no decorrer dos anos, que o tênis chegou nos moldes de hoje. E depois do catarinense Guga, o tênis conquistou uma grande popularidade no Brasil aumentando significativamente o número de adeptos. A maior cidade do estado de Santa Catarina, Joinville, além de ser conhecida como cidade dos príncipes, das flores, da dança e das bicicletas, também é a cidade dos grandes atletas. É nela que esportistas de diversas modalidades alcançaram destaque. Como, por exemplo, o nadador Eduardo Fischer, o ex-jogador profissional de futebol Reinaldo Nardela, Leandro Sousa (Bambu) que chegou a ser contratado pelo Esporte Clube Maiorca, na Espanha. A paratleta Maria José que coleciona medalhas, e os ex-jogadores profissionais de tênis: o Diogo Cruz, Diego Cubas, Carolina Boscandim e Ricardo Schlachter que nos últimos anos vem atuando como técnico e treinador. Na modalidade do tênis uma nova geração começa a aparecer e fazer diferença nas quadras. Os atletas voltam a surgir e com grande estilo, pois Santa Catarina é apontada como berço na área dos esportes e, sobretudo, no tênis. O estado também já foi o anfitrião da famosa Copa Davis. E estiveram presentes alguns dos melhores tenistas do mundo além de

Foto: Divulgação

E

Guga, Ricardo Melo, André Sá, Flávio Sareta entre outros. A cidade de Joinville conta com boa estrutura para quem gosta de praticar esse esporte. E pode contar também com grandes equipes de profissionais da área. Como é o caso do treinador Ricardo Schlachter, mais conhecido como Rico. Ele foi um atleta joinvilense de grande destaque na modalidade, terceiro melhor do estado, venceu o décimo melhor jogador do mundo, o nosso Guga, em 1998. Durante oito anos jogou no Tênnis Club Grosshesselohe na Alemanha. Foi também o melhor jogador joinvilense colocado no ranking profissional da Associação de Tênis Profissional (ATP), atingindo a posição 261 no mesmo ano. Infelizmente, como acontece com a maioria dos atletas, Rico parou de jogar devido a uma lesão no púbis e também por falta de patrocínio. Atualmente, comanda a Sports R&M, que prepara os atletas e assim descobrindo novos talentos. Segundo Rico, o tênis não

parece, mas é um esporte muito caro. Anualmente um atleta gasta, em média, R$ 90 mil por ano com passagens, estadias, alimentação, preparador físico e treinador. “Esse é o principal motivo responsável por muitos atletas promissores ficarem no meio do caminho”, afirma. Contudo, ele acredita que o tênis está cada vez menos elitizado. Através de Guga o esporte ficou mais em evidência, quadras públicas e projetos sociais foram estabelecidos. Tudo isso favorece bastante a entrada de novos tenistas.

E depois do catarinense Guga, o tênis conquistou uma grande popularidade no Brasil aumentando significativamente o número de adeptos


Aurélio Ramos

PARA MANÍACOS POR ESPORTE

sportmania@jnbonline.com.br

11

Joinville/SC - 01 de Junho de 2013

Futebol

O

lá, amigos do JNB! E começou a competição mais importante para o Jec em 2013, o Brasileirão da série B é, sem dúvida, o foco do Jec a partir de agora. A nossa estreia foi espetacular, uma vitória marcante contra o sempre chato Brangantino. Jogando de forma compacta e articulando bem em todos os setores, o tricolor fez 3 x 0 com tranquilidade contra o time da “capital da linguiça”. Numa tarde inspirada do Marcelo Costa, o meio campo e o ataque enfim funcionaram de forma harmoniosa. Já na 2ª rodada, jogando no Serra Dourada, o Jec deixou escapar pelo menos um empate. Jogou muito melhor que o Atlético/GO nos 90 minutos, mas tomou dois gols bobos e acabou sofrendo a primeira derrota nessa série B.

Foto: Divulgação/O Popular

Agora é Série B!

Esse começo de competição está sendo complicado para que o técnico Arturzinho coloque os melhores em campo, o “estaleiro” do clube está lotado. Tem pelo menos 12 jogadores no DM, aí fica difícil de montar um time entrosado e treinado. É começo de competição e o

torcedor vai pela emoção. Tenho dito que “o torcedor superfatura as virtudes nas vitórias e superfatura os defeitos nas derrotas”, faz parte, é coisa da geral em qualquer lugar do planeta! A série B está equilibrada como sempre, eu acredito no acesso do tricolor em 2013.

Futsal

Krona Futsal nas cabeças da Liga!

A

Krona Futsal continua em sua consistente campanha na Liga Futsal 2013. Nos últimos jogos a equipe da “Manchester” catarinense vem sobrando em quadra. É bem verdade que houve o acidente de percurso contra o caçula da Liga 2013, a equipe do Guarapuava de virada surpreendeu a Krona Futsal lá no cen-

tro do estado paranaense. Depois desse jogo a Krona Futsal venceu o Atlântico de Erechim por retumbantes 6 x 2 no Cau Hansen. Outra goleada aplicada pelo tricolor de Joinville foi contra o rival do oeste Concórdia, desta feita foi 5 x 2 em mais um jogo eletrizante em Joinville. Com essa vitória, a Krona Futsal man-

tém em sua alça de mira a equipe do Corinthians, o time de Parque São Jorge é líder com 4 pontos à frente da Krona Futsal. Essa diferença poderá ser alcançada em breve, o time paulista tem um jogo a mais que a Krona Futsal e ainda teremos o confronto direto entre esses dois gigantes do futsal nacional. Emoções à vista!

Surf

O

Os gringos dão as cartas na Barra e em Saquarema!

paulista Adriano de Souza foi o vice-campeão do Billabong Rio Pro, etapa brasileira do WCT na Barra da Tijuca (RJ). Em ondas de meio a 1 metro e formação regular, Mineirinho perdeu para o sul-africano Jordy Smith na final. Em confronto repleto de aéreos, Jordy levou a melhor com 8.50 e 9.30, contra 7.87 e 8.47 de Adriano. Pela vitória, Jordy embolsa US$ 100 mil e soma 10 mil pontos no ranking da elite mundial, enquanto o brazuca fatura US$ 40 mil e descola 8 mil pontos no WCT 2013. “Esta vitória é inacreditável. É um sonho que se torna realidade. Eu sabia que venceria uma etapa do WCT, mas tive que provar a mim mesmo que poderia fazer isso fora da África do Sul.

Obrigado à galera e a Adriano. Ele estava quebrando durante todo o evento. Obrigado a todos da minha família e amigos pelo incrível suporte”, comemora Jordy, que até então só havia vencido em Jeffrey’s Bay, África do Sul. Em Saquarema o CocaCola apresenta Quiksilver Saquarema Prime encerrado com o terceiro título australiano consecutivo na Praia de Itaúna. Mitchel Coleborn, 26 anos, repetiu o feito de Kai Otton, 33, em 2010 e de Matt Wilkinson, 24, no ano passado com sua primeira vitória na carreira. Na grande final derrotou o francês Marc Lacomare, 22, que ganhou a única nota 10 do campeonato no domingo de praia lotada na “Cidade do Surf” da Região dos Lagos do Rio de Janeiro. Os

dois barraram os últimos brasileiros nas semifinais, com o paulista Gabriel Medina, 19, e o carioca Raoni Monteiro, 31, dividindo o terceiro lugar no pódio da etapa do ASP World Prime de Saquarema. “Eu sabia que ia ser uma bateria difícil, mas tentei achar as melhores ondas e esperar pelos erros dele, então estou feliz porque a estratégia deu certo”, disse Mitchel Coleborn. “A bateria foi muito louca. O (Marc) Lacomare tirou uma nota 10 na final e quase não acreditei. Fiquei bem nervoso com isso. Ele precisava de pouco mais sete pontos para virar, mas tive sorte que ele não conseguiu outra onda boa para isso. A semana toda foi extraordinária aqui, deu altas ondas e estou bem feliz pela vitória”. [Por João Carvalho].

• • • •

www.nutricentershop.com Suplementos alimentares Vitaminas Roupas masc/fem. Acessórios esportivos

Tem uma loja perto de você: RUA TUIUTI 2295 SALA 01 AVENTUREIRO ANEXO AO SUPERMERCADO RODRIGUES 47-3437-9365 RUA LAGES 440 CENTRO 47-3422-8099 SHOPPING AMERICANAS 47-3422-4232 SHOPPING MUELLER ANEXO ACADEMIA THE BEST 47-3439-5108 ACADEMIA GETULIO 47-3029-5870


Anuncie no jornal que circula em todos os bairros de Joinville.

14

COMUNIDADE James Klaus

comunidade@jnbonline.com.br

Joinville/SC - 01 de Junho de 2013

Nascentes do Rio Cachoeira pedem socorro

Na vertente a água é cristalina e há até quem beba dela. Metros adiante, o rio recebe as primeiras descargas de poluição Foto: James Klaus/JNB

jnb@jnbonline.com.br

(47) 9911-1016 (47) 3467-5158

www.jnbonline.com.br

Q

uem vê a água escorrendo tímida pela calha de água pluvial às margens do km-36 da BR-101 não imagina que ali está o início do rio Cachoeira. A água brota das entranhas de um morro a 40 metros acima do nível do mar, na junção das ruas Rui Barbosa (final), Rua dos Portugueses e BR-101, no bairro Costa e Silva, na zona norte de Joinville. Dali até a Lagoa do Saguaçu, onde deságua, são 14 quilômetros de muita agressão, poluição e desrespeito. O Cachoeira começa a morrer logo depois que nasce, ainda na Área de Proteção Permanente (APP), no final da rua Rui Barbosa. Ali, toneladas de lixo são depositadas clandestinamente sem quase nenhuma fiscalização. A cena é triste. Chocante. Quem chega à área das nascentes muitas vezes sequer imagina que é bem ali, entre galões de óleo de motor, graxa, restos de veículos, resíduos plásticos, retalhos de tecido e entulho de material de construção que o Cachoeira inicia sua viagem. Por entre o lixo, trazido por empresas e moradores, serpenteia ao lado da rua Rui Barbosa e o loteamento Parque Douat, pela sombra das árvores e ganha tamanho. Primeiro são os pequenos afluentes da região que se unem ao Cachoeira, para mais adiante, receber as águas dos Rios do Morro Alto, Bom Re-

tiro, na região central de Joinville rios Mathias, Jaguarão, Bucarein, Itaum e Boa Vista, já próximo à foz. A esperança mora no bom funcionamento da rede de esgoto sanitário, que a municipalidade instala aos poucos e na conscientização das pessoas em não depositar materiais na área. Ao longo da última década mais de dez ações de limpeza foram organizadas para retirar o lixo jogado nas nascentes do Cachoeira. A última foi realizada no dia 02 de maio pela sub-prefeitura Centro-Norte, após denúncias apresentadas num telejornal acadêmico da cidade. Mais de 25 toneladas de lixo foram retiradas só da região no final da rua Rui Barbosa, no Costa e Silva. Segundo João Luis Sdrigotti, secretário da Centro-Norte, uma das soluções seria fechar a rua. “Existe o projeto Parque das Nascentes, que quando iniciado, transformará a rua em espaço para caminhadas”, diz o secretário. Para a bióloga Raquel Matos, da Fundema, é preciso fiscalizar a área constantemente e conscientizar as empresas e moradores para não depositarem lixo clandestinamente em nenhuma região de Joinville. Denúncias devem ser feitas no fone 156 (ouvidoria), 0800-643-7788, e ainda no 3433-2230.

Imigrantes Às margens do Cachoeira, no lado esquerdo, onde hoje é o centro de Joinville, em 1851 desembarcaram os imigrantes suíços, alemães, noruegueses e outros, que iniciaram a colonização e a fundação da maior cidade de Santa Catarina. Antes disso, foram os africanos, escravos ou descendentes destes, que estiveram nas terras do príncipe, e sob a batuta da família Schroeder, prepararam a colônia Dona Francisca para os imigrantes.

A esperança mora no bom funcionamento da rede de esgoto sanitário, que a municipalidade instala aos poucos e na conscientização das pessoas em não depositar materiais na área.


BOCA NO TROMBONE Joinville/SC - 01 de Junho de 2013

15

www.jnbonline.com.br Camilla Gonçalves

Foto: Jacson Carvalho/JNB

Motoristas sem limite de velocidade Eu Reclamo

PEROBA - CAMBARÁ - EUCALIPTU - PINUS - TELHAS OFERTA ESPECIAL, CONFIRA: • CAIBROS CAMBARÁ 4X9 BITOLA

R$ 1,20 ml

• FRONTAL EUCALIPTO

• PINUS 5X10

R$ 34,99 m²

R$ 2,20 ml

• TIJOLOS 8 FUROS

• CAL

MILHEIRO

E

m uma das avenidas mais movimentadas de Joinville está o problema da leitora Priscila Tássia Amaral, a Avenida Paulo Schroeder. Segundo ela, principalmente o trecho que corta a Rua Afonso Moreira, no bairro Boehmerwald, onde ela mora, o perigo aumenta. “É uma avenida muito movimentada, que trafega caminhões o tempo todo que vêm da BR-101 pelo Eixo Sul que passa por essa avenida”, conta ela. Além dos motoristas de caminhão que ultrapassam o limite de velocidade, carros também trafegam acima do permitido que é 60 km/h. “Muitos acidentes já aconteceram por causa

Eu Respondo Nome: Eduardo Bartniak Filho Função: Diretor de Trânsito do Ittran

P

rocurado pela equipe de jornalismo do JORNAL NOSSO BAIRRO, o diretor de trânsito do Ittran (Instituto de Trânsito e Transporte de Joinville), Edu-

C/ 2,5 MT COMPRIMEIRO

R$ 4,95 ml

R$ 390,00 Nome: Priscila Tássia Amaral Bairro: Boehmerwald

• SARRAFO CAMBARÁ

R$ 6,40 SACO 20KG

• CAIXARIA

R$ 5,90m² disso. É um perigo para quem passa por ali todos os dias”, diz a moradora. O local tem grande circulação de crianças e moradores que sofrem com a demora e a falta de segurança para atravessar a rua. “Quem está de carro na Afonso Moreira também tem dificuldade para entrar na avenida por causa do excesso de velocidade dos veículos na Paulo Schroeder”, acrescenta. Preocupada com a população local, Priscila ligou para a Ouvidoria da Prefeitura de Joinville (156) para registrar sua reclamação. E também sugeriu para que fossem colocados radares ou lombadas eletrônicas nos dois sentidos, próximo ao cruzamento. “Tem uma faixa de segurança, mas não se pode chamar de segura”.

Apesar dos vários registros feitos na Ouvidoria até agora, ainda nada foi feito para solucionar o problema daquela região. Priscila conta que quando retorna as ligações para cobrar um posicionamento, é informada de que sua solicitação já foi encaminhada para o departamento responsável, neste caso, o Ittran (Instituto de Trânsito e Transporte de Joinville).

• TEM MUITO MAIS...

VENHA E CONFIRA!

*Preços especiais à vista, não cobramos frente dentro de Joinville

progressomadeireira@hotmail.com

Rua: Tuiuti, 2936 SL 02 - Aventureiro - Joinville/SC

É um perigo para quem passa por ali todos os dias”, diz a moradora

Radar deve ser instalado ardo Bartniak Filho, garante que já está previsto, desde o ano passado, a instalação de dois equipamentos eletrônicos, nos dois sentidos. “Ainda no governo anterior foi feito um levantamento dos pontos críticos de Joinville, e a Paulo Schroeder é um dos locais que terá dois radares instalados”, explica o diretor. Nesse levantamento 100 locais da cidade foram escolhidos com base em um estudo feito sobre a incidência de acidentes e outras ocorrências no trânsito com maior frequência registradas.

PINUS MISTA

Trabalhamos com os seguintes cartões:

A licitação para escolha da empresa que fará o trabalho da instalação destes equipamentos ainda está sendo elaborada, e segundo o diretor de trânsito do Ittran já está em fase de conclusão. “O edital será lançado na segunda quinzena do mês de junho”. No mínimo, após 45 dias do lançamento do edital, serão abertas as propostas, conforme conta o diretor. O equipamento que será instalado no local é um controlador de velocidade, também chamado de radar, que irá autuar veículos que trafegarem acima dos 60 km/h.

Envie sua sugestão de matéria para jornalismo@jnbonline.com.br

- Corte Masculino - Corte Feminino - Hidratação - Blindagem Capilar - Escova Progressiva - Manicure - Pedicure

3435-6632 Rua: Tuiuti, 1590, Aventureiro (em frente à Madeireira Sinop)


Matrículas Abertas Op. de Telemarketing

Op. de Empilhadeira

!

O NOV Op. de Ponte Rolante

Com até

50%

de Desconto! Informática

Op. de Guindaste Munck

!

O NOV

Eletricista

Op. de Escavadeira

Administração

Acesse o site: www.microbytejoinville.com.br e confira outros cursos! microbytejoinville

@ sigamicrobyte

Rua Princesa Izabel, 341 - 1º Andar - Centro - Joinville/SC - Fone: 3422 - 3517 | Unidades: Araquari - Baln. Barra do Sul - Garuva - Itinga - Vila Nova - Iririú Acesse o site www.microbytejoinville.com.br e confira todos os endereços.

Metodologia Britânica

Comunicação Imediata

Há mais de 15 anos no mercado!

MATRÍCULAS ABERTAS PARA O CURSO DE INGLÊS!

Inglês Kids |Teens | Adults Rua Princesa Izabel - 341 - 2º Andar - Centro - Fone: 3422 - 3517 | www.wassupidiomas.com.br


EMPREGO

Rosangela Chiodini emprego@jnbonline.com.br

17

Joinville/SC - 01 de Junho de 2013

Juventude promissora Foto: Divulgação

Sua vida é uma questão de escolha

É

muito comum vermos jovens que ingressam no mundo acadêmico e profissional de modo alienado (“trabalho porque preciso e estudo tal área porque é o sonho da minha mãe/pai ou optei fazer qualquer coisa...”). É lamentável! E o pior, concluem a graduação com a seguinte sensação: “e agora, para onde eu vou? O que eu vou fazer?”. Isso só retrata que esse jovem fez a escolha, mas uma escolha passiva (ele resolveu deixar a vida “levar”, ou ser conduzido pelo sonho de outros; nada sonhou e muito menos planejou). Sei que nossa família, de forma muito significativa, nos influencia na tomada de decisão sobre a profissão a ser seguida. Entretanto, o jovem deve estar atento ao que faz sentido na vida dele, o que desperta seu interesse e faz seus olhos brilharem, pois nada há de mais empolgante do que fazer algo que realmente gostamos. E, particularmente, vejo a escolha da profissão como uma das mais difíceis da nossa vida. Quantas vezes você ouviu ou conheceu pessoas que ingressaram em cursos ou empresas com as quais não veem sentido e logo se desmotivaram? Por isso é tão importante fazer a escolha da profissão baseada em três pilares: 1- Não trabalhar apenas em função do salário, trabalho é a semente; e o fruto do trabalho é o salário; 2- Entender o seu sonho, acreditar nele e brigar para que ele se realize custe o que custar; 3- Ser comprometido com a sua vida, com seus projetos. São perceptíveis os profissionais que trabalham apaixonados pelo que fazem, seja qual for a dificuldade, eles estão lá, com um grande sorriso no rosto dando o seu melhor. Mas são milhares de jovens espalhados pelo mundo, tantas

oportunidades, uma grande maioria fazendo a mesma coisa e alguns inconformados fazendo e pensando grande, revolucionando cenários, quebrando paradigmas e fazendo a diferença - a juventude promissora! A trajetória de um jovem estudante é muito desafiadora, ainda mais diante do cenário educacional brasileiro. E o que fazer? Tenha um comportamento proativo, tudo na vida é escolha! Das ferramentas disponíveis a esses jovens que estão dispostos e brigam para fazer a diferença, pode-se destacar o marketing pessoal, que pode ser compreendido por um conjunto de ações voltadas para resultados, onde são considerados os seguintes aspectos: a imagem que é transmitida; a higiene pessoal; conteúdo (competência, caráter, honestidade, fidelidade); postura física (credibilidade) e a comunicação. Nos dias atuais, o Marketing Pessoal se converte em uma vantagem competitiva e muito valorizada pelo mercado de trabalho, pois é possível utilizá-lo para disseminar a marca pessoal. “Não basta ser visto, você tem que ser lembrado (Jussier Ramalho, Você é sua melhor marca).” No que concerne às atitudes empreendedoras, tão importante, quanto os outros aspectos apresentados acima, ter uma postura empreendedora é um fator diferencial e capaz de lhe propiciar experiências fantásticas. Ser empreendedor é ter uma visão de futuro, ser ousado, chegar a lugares nunca antes descobertos, é correr riscos e realizar sonhos (os seus sonhos). Geralmente, os empreendedores são inquietos, inconformados, agentes de mudança e encaram desafios constantemente, são destemidos. Eles possuem uma autoconfiança tão grande que são capazes de ver uma oportunidade

em meio à dificuldade. Muito embora, a escolha da profissão, o marketing pessoal e as atitudes empreendedoras sejam atributos atitudinais extremamente significativos, se não houver planejamento, a diferença não será percebida com a mesma intensidade. Assim, faz-se necessário um planejamento de carreira, que só estará bem estruturado diante da certeza de qual qual área ou segmento pretende-se atuar. Logo, ao planejar a vida profissional, tem-se sempre que ter os objetivos profissionais bem definidos. Naturalmente é necessário alguma flexibilidade, mas a organização de objetivos é uma excelente ajuda para alcançar as metas de carreira. Ao refletir sobre os objetivos de carreira é muito importante analisar as competências e habilidades existentes que poderão contribuir para a atingir este objetivo, bem como as que precisarão ser desenvolvidas, e nada melhor do que ter referência nas experiências profissionais anteriores, aplicando as melhores performances já utilizadas. E aí vamos fazer diferente? Lembre: salário é resultado de trabalho bem realizado; e só se realiza algo com perfeição, quando amamos o que fazemos.

Ser empreendedor é ter uma visão de futuro, ser ousado, chegar a lugares nunca antes descobertos, é correr riscos e realizar sonhos (os seus sonhos)


18 tarcisio.andre@jnbonline.com.br

Joinville/SC - 01 de Junho de 2013

Abertura da Mansão Country Temporada 2013 A tradicional casa noturna de Joinville está de volta para agitar as noites na badalada

Tiago Iorc em Joinville O cantor apresenta na cidade suas canções de sucesso em trilhas de novelas da Globo

O

R$ 99,90

Uma casa lotada e muita gente bonita, foi o que marcou o agito de quinta feira, 16 de maio, em Joinville. Depois de meses de espera a Mansão que agora é “Country“ reabriu suas portas com muito estilo e de cara nova, onde foi totalmente reformulada seguindo as tendências de algumas casas similares da região e trazendo também o que há de melhor no universo sertanejo. Foi uma noite de sucesso absoluto, ao som de excelentes bandas do gênero sertanejo que fizeram o públi-

co presente se divertir em alto astral, e matar a saudade nesta grandiosa festa de abertura da tradicional balada dos joinvilenses. Muitas pessoas frequentadoras, assíduas de festas, shows e eventos já conceituados na cidade, marcaram presença e registraram uma ótima balada country em um novo ambiente de qualidade excepcional. Parabéns aos proprietários, organizadores e a todos que contribuíram para o acontecimento deste novo conceito de casa noturna de nossa cidade.

cantor Tiago Iorc traz um fantástico show apresentando suas canções românticas em Joinville, dia 9 de junho, às 20h, no Teatro Juarez Machado. Tiago Iorc ficou conhecido nacionalmente depois de emplacar sete músicas em trilhas de novelas da Rede Globo nos últimos quatro anos como ‘Viver a Vida’ e ‘Duas Caras’. Seu primeiro disco chegou a ter uma de suas músicas entre as mais tocadas na parada Bilboard do Japão e seu show foi eleito pelo público o melhor internacional do Grand Mint Festival na Coréia do Sul em 2010. Tiago compõe suas próprias músicas, todas em inglês e, entre as principais em seu repertório estão canções como ‘My Girl’ e ‘Nothing but a song’.

Ingressos a venda:

www.blueticket.com.br Local: Teatro Juarez Machado - Avenida José Vieira, 315 - Joinville/SC Horário de abertura: 19h00 Horário de início: 20h00 Classificação: 12 anos

www.getuliochapaquente.com.br

BUFFET

De Segunda à Sábado

promotores de Um click super especial para os kon Quintino Mai e eventos, Douglas Bernardes (Esq.) com suas nte ame (Dir.), que marcaram presença junt ntry TemCou são amigas na festa de abertura da Man porada 2013.

Com carnes chapeadas e sobremesa

3029-0343

Reservas e tele-entrega

Os amigos Rodrigo Aguiar (Esq.) e Dj Bino (Dir.) no comando das pick-ups em mais uma noite de muito agito na balada Classic Sunday, realizado na Didge Steakhouse Pub.

Gabriel Tambosi Neto e Nana Bra sil prestigiando o maravilhoso sho w de Milton Nascimento realizado na Liga da Sociedade Joinvilense.

Confira mais fotos na fan page ClickVips. Acesse: facebook.com/clickvips


TURISMO

19

Elaine Cristina Borges Scalabrini Joinville/SC - 01 de Junho de 2013

Passeio pela área rural de Joinville

ão é incomum ouvir que em Joinville não se tem opções de lazer, mas será que isso é realmente um fato? Além das atrações que temos no centro da cidade, uma boa opção é um passeio pela área rural. Algumas opções de visitação são a Estrada Bonita, a Estrada Dona Francisca, o Piraí e o Quiriri. A Estrada Bonita foi o primeiro modelo de organização para o turismo rural no município, inicialmente os agricultores se uniram para complementar a renda com o turismo, mas o negócio deu tão certo que muitos, hoje, incrementaram suas propriedades para a melhor recepção de visitantes. Além da linda paisagem encontrada, é possível visitar as propriedades, os museus que contam a história do homem no campo e também adquirir produtos coloniais, como doces, biscoitos, cucas, entre outros.

Outra opção é a Estrada Dona Francisca que faz a ligação entre Joinville, Campo Alegre e São Bento do Sul. A Casa Kruger é o portal de entrada desta linda estrada que tem deliciosos restaurantes de comida típica alemã. Não deixe de parar no mirante da serra e apreciar a linda paisagem. As estradas do Quiriri e do Piraí estão rodeadas de belos rios e riachos. Para quem gosta de pescar, há opções de pesque e pague e para quem aprecia um mergulho, há a opção dos parques aquáticos. Além disso, é possível observar casas em estilo europeu. Enfim, este é só um pouquinho do que há na nossa área rural, basta desbravar que encontramos diversas opções de lazer em Joinville. Ficou interessado e quer melhores informações? Acesse o site de turismo da cidade: turjoinville.com.br

Foto: Divulgação

N

turismo@jnbonline.com.br

Serra Dona Francisca localizada na SC-301 que liga Joinville ao município de Campo Alegre

Descubra novas rotas de intercâmbio!

Malta

Fone: 3423-3527

Rua: Max Colin, 759 - Centro - Joinville

www.mundoafora.tur.br


lamin AUTO MECÂNICA

20

REPERCUSSÃO

Ilze Moreira

repercussao@jnbonline.com.br

Joinville/SC - 01 de Junho de 2013

AMA Joinville 25 anos dedicando-se ao amor pelos Super promoção Autistas Troca de óleo + filtro Beto Lamin

A partir de:

R$ 79,90

Foto: Divulgação

Especializada em todas as marcas FREIOS MOTOR CAIXA DE CÂMBIO INJEÇÃO ELETRÔNICA SUSPENSÃO EM GERAL

3 x nos cartões: Visa ou Master Óleo Mobil 20w 50

Limpeza de injeção com diagnóstico A eletrônico + Kit Injeção + Filtro de Combustível A partir de:

R$ 160,00 3 x nos cartões: Visa ou Master

(47) 3473-5106 (47) 9912-5893 betolamin@hotmail.com

Rua Aracuã, 93 - Próximo à praça do Costa e Silva - Joinville SC

AMA é uma instituição que, desde 1988, oferece atendimento especializado para pessoas com autismo, na cidade de Joinville. Oferece atendimento educacional especializado a pessoas com diagnóstico de autismo. Atualmente, atende mais de 85 pessoas, entre 2 e 32 anos de idade. A equipe é composta por pedagogos, psicóloga, terapeutas ocupacional e assistente social, além da equipe administrativa e de apoio. A AMA mantém-se por meio de parcerias e doações da comunidade. Além de eventos como, caminhadas e bazar, distribuição de selinhos, a AMA Joinville promoveu o 1º Seminário Catarinense de Autismo, reunindo mais de 600 pessoas envolvidas com o assunto. Neste evento aconteceram palestras importantes sobre o transtorno e criada uma nova associação a Associação Catarinense de Autismo (Asca). O encontro foi coordenado pelos técnicos da Comissão de Defesa dos Direitos da Pessoa com Deficiência e teve como objetivo finalizar a redação do estatuto que cria uma entidade estadual das AMAs. Segundo foi escrito pelo médico Dráuzio Varela: Autismo é um transtorno global do desenvolvimento marcado por três características fundamentais: Inabilidade para interagir socialmente;

Dificuldade no domínio da linguagem para comunicar-se ou lidar com jogos simbólicos; Padrão de comportamento restritivo e repetitivo. O grau de comprometimento é de intensidade variável: vai desde quadros mais leves, como a síndrome de Asperger (na qual não há comprometimento da fala e da inteligência), até formas graves em que o paciente se mostra incapaz de manter qualquer tipo de contato interpessoal e é portador de comportamento agressivo e retardo mental. Os estudos iniciais consideravam o transtorno resultado de dinâmica familiar problemática e de condições de ordem psicológica alteradas, hipótese que se mostrou improcedente. A tendência atual é admitir a existência de múltiplas causas para o autismo, entre eles, fatores genéticos e biológicos. Sintomas O autismo acomete pessoas de todas as classes sociais e etnias, mais os meninos do que as meninas. Os sintomas podem aparecer nos primeiros meses de vida, mas dificilmente são identificados precocemente. O mais comum é os sinais ficarem evidentes antes de a criança completar três anos. De acordo com o quadro clínico, eles podem ser divididos em 3 grupos:

1) ausência completa de qualquer contato interpessoal, incapacidade de aprender a falar, incidência de movimentos estereotipados e repetitivos, deficiência mental; 2) o portador é voltado para si mesmo, não estabelece contato visual com as pessoas nem com o ambiente; consegue falar, mas não usa a fala como ferramenta de comunicação (chega a repetir frases inteiras fora do contexto) e tem comprometimento da compreensão; 3) domínio da linguagem, inteligência normal ou até superior, menor dificuldade de interação social que permite aos portadores levar vida próxima do normal. Na adolescência e vida adulta, as manifestações do autismo dependem de como as pessoas conseguiram aprender as regras sociais e desenvolver comportamentos que favoreceram sua adaptação e autossuficiência.

Os sintomas podem aparecer nos primeiros meses de vida, mas dificilmente são identificados precocemente


SEGURANÇA

21

Major Coelho

policia@jnbonline.com.br

Joinville/SC - 01 de Junho de 2013

Você sabe se proteger? Foto: Divulgação

Dicas que podem ajudar na sua segurança e na dos seus filhos

P

retendemos neste e nas próximas edições mostrar de forma mais clara possível dicas que podem, de uma certa forma, tornar a sua vida um pouco mais segura, evitando com isto que suas atitudes e ações possam facilitar a ação de pessoas mal intencionadas. Mesmo adotando todas as medidas que várias pessoas e entidades afirmam como adequadas não evitará de que você seja importunada(o), porém, não fazer nada a(o) deixa mais vulnerável ainda. Temos que ter em mente que existem várias formas com que se dá o cometimento do crime e muitas delas são pela oportunidade. E o que está ao alcance de qualquer cidadão é modificar suas atitudes, evitando importunos. Como para o adulto mudar suas rotinas muitas vezes é mais difícil, aqui vão algumas dicas para as crianças que são as nossas joias mais raras e muitas vezes os problemas ocorrem por acreditarmos que nada irá acontecer. A grande maioria da violência contra a criança é dentro da própria casa e por pessoas próximas a ela e da sua família. Então, qualquer mudança no comportamento dela desconfie, saiba quem são seus amigos, saiba como é a família dos amigos dela. Se pedir para ir a casa de um amigo, certifique-se ligando para os pais do amigo ou responsável. E quando voltar, converse, pergunte sobre o que fez, ou o que fizeram e até mesmo procure confirmar. O mais importante é estar atento sempre. E além disto algumas dicas que podem ser dadas as crianças: * Procure não andar sozinho, tenha sempre a companhia de seus amigos. Se sentir medo ligue para a polícia e explique o problema; * Evite ir ou voltar sozinho da escola. No impedimento de seus pais,

procure a companhia de amigos de sua confiança; * Quando estiver esperando condução para ir à escola ou para voltar para casa, evite os pontos de parada em locais escuros e isolados; * Não acredite em estranhos que digam trazer recado de seus familiares. Peça que uma pessoa confirme o que estão dizendo; * Se for seguido por estranhos na rua, entre na primeira casa habitada e peça socorro; * Se alguém o atacar, tentando agarrá-lo, esperneie e grite bem alto, muitas vezes, pedindo ajuda; * Não aceite caronas de motoristas desconhecidos e, se algum deles lhe chamar, não dê atenção e nunca se aproxime do veículo; * Quando estiver desacompanhado e alguém o incomodar, querendo pôr a mão em seu corpo, grite bastante para chamar a atenção de outras pessoas que estejam por perto; * Ensine seus filhos a conhecerem seu próprio nome, sobrenome, apelido, idade, local onde residem e telefone. Coloque estes dados, através de cartão, nos bolsos, ou escreva internamente nas roupas das crianças; * Instrua seus filhos a não conversarem com estranhos, especialmente sobre hábitos de sua casa; * Não confie a guarda de suas crianças a pessoas desconhecidas, em momento algum, mesmo que seja por poucos instantes. Ao fazer compras e em locais de grande circulação de pessoas, mantenha as crianças sempre próximas; * Se outras crianças o agredirem para roubar, não resista e entregue o que pedirem. Assim que puder peça ajuda à polícia; * Quando precisar de ajuda, procure um policial. Você receberá apoio e orientação; * Não aceite de forma alguma balas, chicletes, bebidas de pessoas estranhas.

E a senhora leitora tenhas alguns cuidados com a sua bolsa: * Não carregue uma bolsa que lhe transforme em um alvo; * Utilize bolsas pequenas, de cor e formato discreto e material resistente (couro); * Uma bolsa apoiada em seu ombro apenas por uma alça lateral pode facilmente ser apanhada e furtada por alguém que venha de trás; * Leve sua bolsa voltada à frente de seu corpo, com sua mão sobre seu fecho; * Não carregue uma bolsa presa ao seu pulso, de forma que você não possa soltá-la caso seja necessário, isso pode provocar sérias lesões; * Esteja alerta com as pessoas ao seu lado e atrás de você; * Leve consigo apenas dinheiro, cheque e cartões necessários; * Separe o dinheiro em bolsos diferentes; * Tenha dinheiro separado, especialmente para pequenas despesas; * Caso você seja vítima, Não reaja. Nenhuma dica é uma regra, porém serve de parâmetro para alertar as pessoas a reverem suas atitudes no dia a dia, e terem sempre em mente que aquelas dicas de nossos pais ainda são válidas.

E o que está ao alcance de qualquer cidadão é modificar suas atitudes, evitando importunos


SAÚDE

22

Joinville/SC - 01 de Junho de 2013

Atendemos os convênios: • • • • • • • • • • •

Bradesco Unimed Agemed Vitaserv Assefaz SC-Saúde Sindicatos Planos assistenciais Convênio Werner Particulares Sociais

Segunda - sexta / 6h30 - 18h30 Sábado / 7h00 - 12h00

Endereços • •

Rua: Tenente Paulo Lopes, 200 - Bairro: Boa vista (47) 3434-1293

• •

Rua: Tuiuti, 1447 - Bairro: Aventureiro (47) 3467-7152

www.laboratoriowerner.com.br

FARMÁCIA ELIANE Convênios - Funcional Card (Tigre, Wetzel) - Servmed (Tupy, Docol) - Plenocard Oferecemos Serviços - Agemed farmacêuticos

Promoção

Medicamentos genéricos com até:

40%

Dia Mundial sem Tabaco

Horário de atendimento • •

Desconto

(47) 3473-8855

Rua: Walmor Harger, 20 - Costa e Silva

Sabe quanto custa

anunciar aqui? Promoção:

Agora eu posso! Tamanho 10x12cm

Ligue: (47) 9911-1016 / (47) 3467-5158

www.jnbonline.com.br

moda@jnbonline.com.br

E

Fumar: faz mal pra você, faz mal pro planeta

m 31 de maio é celebrado o Dia Mundial Sem Tabaco, data criada pela Organização Mundial da Saúde (OMS) em 1987. Este ano o tema escolhido é “A Interferência da Indústria do Tabaco”. Com foco também nos danos que a produção e o uso de tabaco provocam no meio ambiente, na exploração do trabalho infantil e nas consequências do fumo passivo, o tema no Brasil é “Fumar: faz mal pra você, faz mal pro planeta”. Segundo pesquisa feita em 2008 pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) e pelo Ministério da Saúde, em parceria com o Instituto do Câncer (Inca), Secretaria de Vigilância em Saúde (SVS) e Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), aproximadamente 25 milhões de brasileiros com mais de 15 anos fumavam derivados de tabaco. Apesar de 93% dos fumantes declararem ter ciência dos males do fumo e 67% ter percebido campanhas antitabaco nos meios de comunicação, apenas 52% tinham planos de parar e só 7% queriam por a ideia em prática no mês seguinte à pesquisa. Entre o total de fumantes, cerca de 85% consumiam tabaco diariamente, sendo que 33% fumavam, em média, de 15 a 24 cigarros por dia. A pesquisa mostrou ainda que homens fumantes de tabaco industrializado gastavam cerca de R$ 89,27 por mês com cigarro e mulheres R$ 62,80. Com base nesses dados é possível calcular que em um ano um casal de fumantes despende aproximadamente R$ 1.800,00. Segundo a OMS, a cada ano cerca de 5 milhões de pessoas morrem por fatores atribuídos ao tabaco. A estimativa é que em duas décadas o número aumente para 8 milhões, com 80% dos óbitos em países com menor renda. A OMS alerta: “O tabaco mata mais que tuberculose, Aids e malária juntas”. No Brasil, de acordo com dados de 2012 do Inca, 11% das mortes do país são

atribuíveis ao tabaco. Entre as provocadas por câncer de pulmão, traqueia e brônquios, 72% deve-se ao tabagismo. De acordo com o Inca, a plantação de fumo contribui para 5% do desmatamento em países em desenvolvimento e quase metade dos produtores, geralmente agricultores familiares, têm sintomas associados ao uso de substâncias químicas, como dor de cabeça persistente e vômito. Além das 4.700 substâncias tóxicas, incluindo arsênico, amônia e monóxido de carbono (o mesmo emitido por automóveis) liberadas no meio ambiente quando um cigarro é aceso, os filtros descartados de forma inadequada demoram cerca de 5 anos para se decompor, podendo matar peixes, animais marinhos e aves que ingerem nosso lixo acidentalmente – pontas de cigarro correspondem de 25 a 50% do lixo coletado em ruas e rodovias. Outros problemas são a alta incidência de incêndios provocados por pontas acesas e o uso de mão-de-obra infantil, capaz de alterar até mesmo o calendário escolar de algumas regiões produtoras de fumo. Aproximadamente, 3 a 6% da fumaça do cigarro são compostos por monóxido de carbono. Quando inalado, o monóxido de carbono atinge os pulmões e dali segue para o sangue, reduzindo sua capacidade de carregar oxigênio. Em consequência, as células deixam de respirar e produzir energia, o que faz com que o fumante tenha o fôlego prejudicado e fique exposto ao risco de doenças cardiovasculares e respiratórias. Além de venenoso em altas concentrações, o CO está implicado em muitas doenças associadas ao fumo, inclusive nos efeitos danosos sobre o desenvolvimento do feto das grávidas tabagistas. A nicotina, outra das substâncias encontradas no cigarro, diminui a capacidade de circulação sanguínea, aumenta a deposição de gordura nas paredes dos vasos e sobrecarrega o coração,

podendo levar ao infarto do miocárdio e ao câncer. Ela atua da mesma forma que a cocaína, o álcool e a morfina, causando dependência e obrigando o fumante a usar continuamente o cigarro. Em altas concentrações, é também venenosa. Fumar causa pelo menos 14 tipos de câncer. Um único cigarro possui mais de 4 mil substâncias tóxicas, das quais 60 são comprovadamente cancerígenas, causando pelo menos 14 tipos diferentes de câncer. Efeitos do tabaco na saúde • As zonas ventiladas ou exclusivas para fumantes não protegem os não fumantes, mesmo que haja um bom sistema de ventilação e as portas que dividem as duas zonas estejam fechadas. Apenas as zonas 100% livres de tabaco conferem proteção. • Cerca de 40% das crianças estão expostas a fumo passivo em casa. 31% das mortes atribuídas ao fumo passivo ocorre em crianças. • As crianças expostas ao fumo passivo em casa têm duas vezes mais probabilidade de serem fumantes do que as que não são expostas. A única coisa possível para proteger a saúde e aumentar a esperança de vida, é deixar de fumar. Não é fácil, mas também não é tão dificíl como se pensa. Apesar de 90% das pessoas que deixaram de fumar, o voltarem a fazer, 70 em cada 100 que fracassaram à primeira tentativa, conseguem mais tarde. Vale a pena tentar!

O tabaco mata mais que tuberculose, Aids e malária juntas

- Dra. Suely Keiko Kohara CRM: 5682 – Responsável Técnica - Dra. Goretti Silveira Rodrigues CRM 6175 - Dra. Rejane Baggenstoss CRM 6973 - Dra. Bárbara Vicente de Souza CRM 12403

Rua Alexandre Dohler, 129 Sala 1005 10º andar – Fone: 3028-3894


PRATO FEITO

23

Ingrid Passos Hille

Joinville/SC - 01 de Junho de 2013

Frio no corpo e calor no estômago

Foto: Divulgação

pratofeito@jnbonline.com.br

FEITO COM AMOR festas

Capeletti in brodo Quando o tempo esfria, como num passe de mágica, nosso organismo começa a fazer alguns pedidos do tipo: pizza, chocolate quente, massa aos quatro queijos, fondue, polenta... não é mesmo? Comer uma comida quentinha, saborosa, rica em nutrientes é tudo o que um corpo gelado quer. Com essa mudança de clima, o organismo entende que é preciso estocar reservas de energia e aí, essas vontades de pratos com mais “sustância”. A complicação está justamente nisso: colesterol elevado, aumento do peso e muitos outros problemas de saúde que podem surgir com essa temporada de abusos. Para quem não consegue encarar uma comida mais fresquinha, o pulo do gato é enganar o estômago com pratos saborosos e quentinhos, mas sem a quantidade de gordura que ele está pedindo. Uma boa pedida são as sopas. Tradicionais do inverno, são uma das melhores comfort foods para a estação. Abaixo, veja a receita do italiano Capeletti in brodo, uma sopa de capeletti nutritiva, que não é light, mas faz bem ao corpo e ao coração.

Ingredientes: • • • • • • • • •

250g de capeletti de frango 2 peitos de frango cozidos e desfiados 1,5l de caldo ou frango (natural ou em cubo/sachê/potinho) 2 dentes de alho amassados 1 colher de sopa de cebola ralada Cheiro verde a gosto Sal a gosto 1 pitada de pimenta do reino

Modo de preparo: • •

• • •

Refoge em uma panela funda, com um pouco de óleo, a cebola e o alho. Acrescente o frango desfiado e refogue-o rapidamente, até dourar. Tempere com pimenta do reino e sal a gosto. Acrescente o caldo de frango e deixe ferver. Corrija o sal e os temperos. Acrescente o capeletti e cozinhe por cerca de 7 minutos. Após esse tempo, verifique se a massa está al dente (macia, porém firme). Acrescente o cheiro verde a gosto e sirva acompanhado de pães e queijo parmesão ralado na hora.

• Bolos • Tortas Encomendas: • Docinhos • Empadão • Salgados fritos • Salgados assados • e muito mais

3465-0997

Entrega em domicílio


Promoção imperdível! R$ 32,90

R$ 1,10

R$ 29,90

R$ 73,50

Tubo esgoto 100mm Amanco (barra 6m)

Caixa de luz 4x2 Amanco

Tubo soldável 40mm Amanco (barra 6m)

Tubo soldável 25mm Amanco (barra 6m)

R$ 15,50

Assento sanitário Branco Amanco

R$ 3,75 Joelho 100mm 90° Amanco

TELEVENDAS

3467-1084 ciroconstrucenter www.ciroconstrucenter.com.br

Avenida Santos Dumont, 6510 - Aventureiro - Joinville/SC

Promoção válida de 01/04 à 15/06/2013

R$ 9,95

Corrugado Reforçado 3/4 Amanco (Rolo 50m)


Jnb 28 to site