Issuu on Google+

Página 03

Direito adquirido: Conselheiras tutelares próximas de reconquistarem garantias trabalhistas perdidas www.jornalnoponto.com

Coluna

Exercendo a Cidadania

com Helena Coan Página 4

IA S E T R$R1,50 CO

Edição nº 15 Ano 1 Sábado 26 de fevereiro de 2011

Máx 30ºC Mín 22ºC

Máx 28ºC Mín 23ºC

Máx 29ºC Mín 23ºC

Máx 31ºC Mín 24ºC

Sábado 26/02

Domingo 27/02

Segunda-feira 28/02 Terça-feira 01/03

Máx 29ºC Mín 22ºC

Máx 30ºC Mín 23ºC

Máx 29ºC Mín 21ºC

Quarta-feira 02/03

Quinta-feira 03/03

Sexta-feira 04/03

Escola de samba abre Carnaval sexta, dia 4 Página 3

Mais de 150 integrantes da Unidos do Vale ensaiam desde novembro para resgatar, em grande estilo, a maior festa popular do país

Pesca Esportiva

Segurança: Estatística mostra que ação conjunta (PC e PM) no trabalho de investigação, tem elevado a prisão de criminosos

Aumenta número de adeptos da prática Página 05

Chapa 1

Vence eleição para a Cerbranorte Páginas 06 e 07


Geral

02 · www.jornalnoponto.com

Sábado, 26 de fevereiro de 2011

Bertoldo Kirchner Weber bkwcomunicacao@gmail.com

Cléber da Silva não deixará o PP

Escola recebe kits de volta às aulas O gerente do Banco do Brasil, Júlio César Becker, fez a entrega de 76 kits escolares para a Escola Municipal João Batista da Silva, do bairro Floresta. Os kits são contemplados com mochila, cadernos, penal, borracha, apontador, lápis, régua, lápis de cor, cola e uma escova de dentes. Prestigiou a entrega a Secretária de Educação e Desporto, Cristini Kuerten Maia, a diretora da escola Eliamar Wiggers Mendes e o vice-prefeito Valberto Wiggers Michels.

O vereador do PP, Cléber da Silva, afirmou esta semana que não deixará o partido. “Só saiu se o partido decidir por isso”. Segundo ele, a fidelidade partidária e a ideologia devem ser preservadas a todo custo. É por isso, segundo ele, que em determinados assuntos seu posicionamentos gera polêmica. “Defendo também que os integrantes da executiva tenham vez e voz. Tem coisas que não consigo engolir e é difícil digerir no meio político”, declarou.

Assembléia e eleição da Cerbranorte ocorreram de forma tranquila Assim foi a assembléia geral ordinária da Cerbranorte no sábado dia 19 e também a eleição e apuração dos votos no domingo, dia 20. A Chapa 1 foi a vencedora e assumirá o comando da cooperativa pelos próximos quatro anos. Sucesso a nova diretoria e que as propostas apresentadas em campanha sejam colocadas em prática. É uma necessidade construir a subestação e também concluir a PCH Capivari. A sobra de 2010 para os sócios deliberarem foi de R$ 736 mil. Já quando o assunto foi débitos, o gráfico apresentou um montante que ultrapassa os R$ 4 milhões. É preocupante!

Pedro Paulo Gonçalves O Corretor de Imóveis, Pedro Paulo Gonçalves, está sempre de bem com a vida, motivado. Ele e sua esposa, Céia, participam de vários grupos voluntariamente. Merecem todas as bênçãos de Deus. Que a felicidade seja uma constante em suas vidas!

Credivale/ Sicoob atende antes das 10 horas

Deputado defende recuperação da SC-439 Ligação alternativa entre a Serra e o Litoral e via de importância regional, a SC-439 é um problema para os usuários do trecho entre Grão-Pará e Urubici. A situação da estrada motivou o deputado estadual José Nei Ascari a solicitar ao governador Raimundo Colombo a recuperação emergencial da via. Conhecedor da região, o deputado lembra que a SC-439 é uma das principais no escoamento da produção de hortifrutigranjeiros, produtos muito presentes na região do alto Serra do Corvo Branco. “Além disso, pelas características daquela região, muitos turistas utilizam a estrada durante todo o ano”, completa. Essa melhoria interessa também para nosso município.

Por várias vezes este colunista pode presenciar a equipe da Credivale/Sicoob, abrindo a agência e atendendo as pessoas antes das 10 horas. Não é algo rotineiro. Mas, acontece muito. Em conversa com o Gerente Geral, Clóvis Freitas e também com o presidente do banco, Mário Wensing, eles explicam que se a equipe já está preparada para atender não há motivo para deixar as pessoas do lado de fora em espera. “Se temos possibilidade de atender, por que não fazer. Nosso objetivo é atender da melhor maneira possível e fazer com que todos saiam satisfeitos”. Um ótimo exemplo a ser seguido!

Suíno Light Desossado Uma delícia! Não sei se os leitores adoram, mas eu sim. Estou falando de um suíno light desossado feito no capricho. Há tempos atrás, eram poucos que sabiam prepararno município. Os dotes culinários se multiplicaram e atualmente várias pessoas já preparam o prato. Sinceramente, é de fechar a porta e não deixar ninguém entrar.

Jornal No Ponto - ME

Sem meias verdades, direto ao ponto.

Expediente www.jornalnoponto.com Comercial - (48) 9996.6035 comercial@jornalnoponto.com Administrativo - (48) 9653.1600 adm@jornalnoponto.com Redação - (48) 9653.1551 redacao@jornalnoponto.com Arte/Criação - (48) 9653.1516 artes@jornalnoponto.com

Rua Raulino Horn, 245, 1º andar, Sala 7, Centro, Braço do Norte - SC CEP 88750-000 CNPJ - 12.664.877/0001-66 Tiragem: 2 mil exemplares Circulação: Braço do Norte

Impressão Soller Indústria Gráfica Rua Antônio Bortolatto 48, Morro Da Fumaca, SC

(48) 3434-1970

Telefone: (48) 9653-1615


Geral

Sábado, 26 de fevereiro de 2011

www.jornalnoponto.com · 03

Escola de Samba fecha Avenida para animar foliões Neste mês a escola de samba Unidos do Vale intensificou os ensaios para fazer bonito na noite da próxima sextafeira, 4 de março, na avenida, na abertura do carnaval 2011. Será o segundo ano que a escola organiza o desfile. No último ano, mais de três mil pessoas acompanharam o desfile e escolha do Rei Momo que teve a participação da escola Protegidos do Samba, de Tubarão. Desta vez a apresentação será feita exclusivamente por moradores de Braço do Norte. Mais de 150 pessoas, 40 deles componentes da bateria, estão envolvidos na apresentação. A programação segundo os organizadores é o fechamento, às 19 horas, da Avenida Felipe Schmidt na sinaleira em frente a Agro-Jô, onde será feita a concentração. Às 22 horas inicia o desfile que segue até a Praça da Igreja Matriz, onde a escola permanece por 1 hora. Depois o samba segue até o Clube Cruzeiro onde encerra o desfile e inicia o carnaval fechado. De acordo com o presidente da escola, Nilton Seberino, o Lobo, a fantasia deste ano foi adquirida com uma escola

Sindicato Rural reúne agricultoras da região

O presidente, Lobo (Esq. foto menor) e o mestre de bateria Jeferson Prudêncio comandam o desfile e convidam os vários blocos para participarem

de samba de Sombrio, onde o desfile acontece há cada dois anos. Porém, ele esclarece que qualquer bloco interessado em participar está livre para comparecer na área de concentração. “Estamos organizados e o desfile promete. Todos os blocos que quiserem pular carnaval podem desfilar com a gente. Queremos que as pessoas se envolvam” convida. Para o colaborador, Rober-

to Effting, o Jeck, a proposta é reunir maior número de pessoas. “O ano passado foi sucesso. Vamos repetir, pois o carnaval é a maior festa popular do país e estamos oferecendo uma oportunidade de conhecer mais de perto esta festa cultural”, destaca. Jeck ressalta a participação de uma ala formada apenas por adolescentes na bateria da escola. “Estou envolvido por

que gosto do carnaval e ver estes jovens animados é muito bom. Enquanto eles estão envolvidos com o samba, não se envolvem com os problemas sociais. Isso é um dos motivos no qual devemos prestigiar o evento”, adverte. O desfile tem patrocínio da Prefeitura Municipal, Câmara de Vereadores e Cerbranorte e contou ainda com o apoio do comércio local.

Conselheiras tutelares podem reaver garantias trabalhistas Criado para atender crianças em situação de risco, o Conselho Tutelar do município da um importante passo para reaver um direito, revogado em 2004. Com o projeto de lei nº 001/2011, as cinco conselheiras voltam a pensar como trabalhadoras comuns. Há seis anos uma lei, retirou da classe o direito a férias, 13º salários, licença maternidade, entre outros benefícios. Desde agosto de 2009, a

equipe de conselheiras argumentava sobre a necessidade de reaver estes direitos. Na última segunda-feira, 21, os vereadores aprovaram em primeira votação a lei, apresentada em janeiro pelo prefeito interino, Valberto Wiggers Michels. Se aprovada na próxima sessão, que ocorre na segunda-feira, 28, a lei voltará a favorecer as agentes. É o que afirmam as conselheiras que hoje trabalham das 8h às 18 horas e ainda

permanecem de plantão o resto do tempo, inclusive sábados e domingos, sem direito a férias, 13º salário e nem garantias trabalhistas, durante os três anos que atuam. “Até este momento, apenas recebemos o salário, sem nenhum benefício. Não podemos nos ausentar do município em momento algum em função desta tarefa. De certa forma isso é desumano. A partir da aprovação da lei tudo muda”, aponta

a diretora Cyntia Bianchini Junkes. Elas acreditam que conseguirão oferecer melhores resultados a população. “Todo trabalhador tem direitos, mesmo em caso de acidente de trabalho, ao contrário da gente. Com a aprovação nos sentimos reconhecidas, mais valorizadas e isso influência no desenvolvimento das nossas tarefas. Com certeza teremos mais ânimo no exercício de nosso trabalho”, explica.

Como ocorre nos últimos anos, o Sindicato Rural de Braço do Norte realizará no dia 17 de março, no Salão Paroquial, o sétimo encontro de Mulheres Agricultoras do Vale do Braço do Norte, evento aguardado pelo público feminino. O evento é sempre marcado por uma palestra motivacional. Este ano o tema será ‘Pessoas de resultados’ ministrada por Omar Hennemann. Além deste, haverá ainda jantar, sorteio de brindes, brincadeiras e um baile com o grupo ‘Musical Raízes’. A expectativa dos organizadores é a presença de 700 mulheres. A secretária Marli Meurer, alerta as interessadas sobre a antecipação dos convites. Dia 14 de março é o último dia para a confirmação. “Precisamos desta informação para organizar o local e o jantar, além de tentar viabilizar o transporte das comunidades até o centro naquele dia”, explica. Os interessados em obter informações devem entrar em contato com o sindicato pelo fone 3658-4275.


04 · www.jornalnoponto.com

Geral

Sessão Ordinária da Câmara Municipal realizada no dia 21 de fevereiro Indicação 010/2011 de Autoria do Vereador Antônio Bittencourt de Souza/DEM com associação de todos os Senhores Vereadores, que solicita ao Executivo Municipal que“Determine a feitura de projetos e conclusão de obra de pavimentação na Rua Nívea Philippi, no Bairro São Basílio, neste município”. Indicação 011/2011 de Autoria do Vereador Antônio Bittencourt de Souza/DEM com associação de todos os Senhores Vereadores, que solicita ao Executivo Municipal que “Determine a feitura e conclusão de obra de pavimentação na Rua Antônio Lino Lessa, no Bairro Rio Bonito”. Indicação 012/2011 de Autoria do Vereador Antônio Bittencourt de Souza/DEM com associação de todos os Senhores Vereadores, que solicita ao Executivo Municipal que “Determine a abertura do prolongamento da Rua Geraldo Martins, no Bairro São Basílio, até seu encontro com a Rua Nívea Philippi, aos fundos da oficina do Alemão”. Indicação 013/2011 de Autoria do Vereador Roberto Kuerten Marcelino/DEM com associação de todos os Senhores Vereadores, que solicita ao Executivo Municipal que “Determine a desobstrução da tubulação de esgotamento pluvial da Rua João Teodoro Niehues, no centro do município, nas proximidades da residência do Senhor Aldo Speck, ou, alternativamente trocá-la por maior diâmetro”. Indicação 014/2011 de Autoria do Vereador Roberto Kuerten Marcelino/DEM com associação de todos os Senhores Vereadores, que solicita ao Executivo Municipal que “Determine a instalação de coletores públicos de lixo reciclável, por todo o município, aderindo a nova lei federal sobre o tema”. Indicação 015/2011 de Autoria do Vereador Lauro Beckhauser/PMDB com associação de todos os Senhores Vereadores, que solicita ao Executivo Municipal que “Determine a desobstrução do bueiro da Rua José Antônio Sombrio esquina com a Rua Cônego Valentim Oenning, no Bairro Nossa Senhora das Graças”. Indicação 016/2011 de Autoria do Vereador Lauro Beckhauser/PMDB com associação de todos os Senhores Vereadores, que solicita ao Executivo Municipal que “Determine o patrolamento e lastreamento de saibro em todas as ruas do Loteamento Custódio Sombrio”. Indicação 017/2011 de Autoria do Vereador Antônio Bittencourt de Souza/DEM com associação de todos os Senhores Vereadores, que solicita ao Executivo Municipal que “Determine a construção de uma ponte pênsil sobre o Rio Braço do Norte, na comunidade da Represa, ligando os dois lados do rio, com a Unisul e empresa Ewel”. Indicação 018/2011 de Autoria do Vereador Bertilo Borba/PMDB com associação de todos os Senhores Vereadores, que solicita ao Executivo Municipal que “Envie a esta Casa, Projeto de Lei que vise o parcelamento dos Impostos Municipal e outros créditos eventualmente inscritos em divida ativa, considerando sua competência originária para a matéria”. Moção de Congratulações 002/2011 de autoria dos Vereadores Lauro Beckauser/PMDB e Maria da Silva Kulkamp/PP com associação de todos os Senhores Vereadores, que“Solicita ao Senhor Presidente que envie Moção de Congratulações, aos integrantes da Chapa 01, vencedora da eleição da Cerbranorte, especialmente a Antonio da Silva e Manoel da Silva”. Moção de Pesar 005/2011 de autoria do Vereador Antônio Bittencourt de Souza/DEM com associação de todos os Senhores Vereadores, que “Solicita ao Senhor Presidente que envie Moção de Pesar, a família de Manoel Leandro, pelo seu passamento”. Moção de Pesar 006/2011 de autoria da Vereadora Maria da Silva Kulkamp/PP com associação de todos os Senhores Vereadores, que “Solicita ao Senhor Presidente que envie Moção de Pesar, a família de Valbi Maria Alves Medeiros, pelo seu passamento”. Requerimento 008/2011 de Autoria do Vereador Antônio Bittencourt de Souza/DEM com associação de todos os Senhores Vereadores, que “Requer o envio de ofício ao novo Secretário de Estado da 36ª SDR, para que determine a feitura de um alargamento na pista da Rodovia Estadual SC 438, no acesso a Rua Cônego Valentin Oenning, no Bairro Nossa Senhora das Graças, próximo ao Posto Oenning ll”. Requerimento 009/2011 de Autoria do Vereador Laércio José Michels Junior/PSDB com associação de todos os Senhores Vereadores, que “Requer que seja convocado o diretor da empresa responsável pela coleta seletiva do lixo em nosso município, o Senhor Luiz Pickler, para dar esclarecimento sobre o funcionamento do serviço”. Pedido de Informação 002/2011 de autoria do Vereador Laércio José Michels Junior/PSDB, que solicita do Executivo Municipal “Descriminação mês a mês, do repasse do município e União, bem como, o saldo da conta do SAMU, nos últimos seis meses”. Pedido de Informação 003/2011 de autoria do Vereador Laércio José Michels Junior/PSDB, que solicita do Executivo Municipal “Os motivos da paralisação da obra da Rua Severiano Francisco Sombrio, e qual o prazo para sua conclusão, seja esclarecido qual a empresa é responsável pela obra, inclusive com cópia do contrato”. Projeto de Lei Complementar CM 002/2011 de Autoria da Mesa Diretora, que “Cria duas vagas de estagiários, e dá outras providências”. Aprovado por Unanimidade em 1ª deliberação.

Sábado, 26 de fevereiro de 2011

Helena Coan

helenacoan2@hotmail.com Helena Coan é acadêmica de direito na Unibave

Direitos do consumidor Há alguns anos foi criada mais uma forma de exercer a cidadania em nosso país, os cidadãos brasileiros começaram a contar com um instrumento de proteção nas relações de consumo: o Código de Defesa do Consumidor. Quando os alimentos nas prateleiras dos supermercados estavam vencidos, quando havia falta de higiene nas padarias, defeitos em eletrodomésticos, falta de informações sobre produtos ou propagandas enganosas..., entre outras inúmeras improbidades, o consumidor não tinha direito de reclamar. Caso o vendedor quisesse trocar o produto estragado, ou quisesse dar uma explicação, ele o fazia, mas se não o quisesse, ficava por isso mesmo, o comprador arcava com o prejuízo e não tinha a quem recorrer. Mas, para haver melhorias, entrou em vigor a Lei nº 8.078/90 no ano de 1991 que é mais conhecida como Código de Defesa do Consumidor. Cada vez mais, usuários e fornecedores percebem as regras e tentam se disciplinar a elas. O Estado, por sua vez, também dedica a atender de outras formas as necessidades dos cidadãos; sendo assim, pode-se dar realce os PROCONs, os quais são órgãos que registram reclamações e tomam iniciativas para amenizar as relações de consumo. Inclusive, em nossa cidade, há aproximadamente dois anos, instalouse o Procon Municipal, sendo que se originou devido ao artigo 55 do Código de Defesa do Consumidor. O artigo dispõe que a União, os Estados, o Distrito Federal e os Municípios devem fiscalizar e controlar a produção, industrialização, distribuição, e a publicidade de produtos e serviços, bem como o mercado de consumo, no interesse da preservação da vida, da saúde, da segurança, da informação e do bem-estar da população. Para requerer qualquer informação, fazer alguma denúncia, agora fica muito mais fácil aos cidadãos braçonortenses: A sede localiza-se na rua Senador Nereu Ramos, nº 1.830, Centro, Braço do Norte, no antigo prédio dos Correios. Além do atendimento no local, pode-se entrar em contato pelo telefone (48) 3658-7674, das 12h30min às 18h30min, ou pelo e-mail procon@bracodonorte.sc.gov.br. Sem dúvida, essa foi mais uma conquista em direção à democracia econômica. Como prova que exercemos a cidadania, temos o dever de ficar a par dos nossos direitos, como nos remeteu Thainã S. Izidorio Fernandes que é Coordenadora do PROCON de Braço do Norte: “Penso que todo cidadão deveria ler o CDC (Código de Defesa do Consumidor), por ser uma lei não muito extensa composta por apenas 119 artigos e por ter uma linguagem de fácil acesso, sem muitos jargões jurídicos, o que facilita ao consumidor na interpretação do texto, consequentemente teríamos consumidores mais informados e capazes de defender seus direitos”. Afinal, só conhecendo nossos direitos é que poderemos exigi-los. Vamos valorizar o dinheiro que gastamos nos produtos, como diria Margaret Thatcher, política britânica:

Projeto de Lei 001/2011 de Autoria do Executivo Municipal, que“Estabelece direitos aos Conselheiros Tutelares do Município de Braço do Norte, e dá outras providências”. Aprovado por Unanimidade em 1ª deliberação.

Próxima sessão: Dia 28 de fevereiro

Dúvidas, esclarecimentos e sugestões -Ligue Câmara - 3658-2088 Rua Nereu Ramos, número 1761 - Centro - Braço do Norte/SC

“Moedas de cinco centavos não caem do céu, são ganhas aqui na terra.”


Geral

Sábado, 26 de fevereiro de 2011

www.jornalnoponto.com · 05

Aumenta os adeptos da Pesca Esportiva na região Nos últimos meses os adeptos da Pescaria Esportiva aumentaram na região do Vale. A prática acontece em rios, riachos e em Pesques Pagues particulares. São crianças, jovens, adultos e idosos que aos poucos estão aderindo. O que a pessoa precisa é de alguns acessórios como Carretilha ou Molinete, vara, linha e isca. Um investimento que tem variação de R$ 70,00 a R$ 2 mil. É bom também ter uma alicate pega peixe. O Pesque Pague Floresta Negra, localizado na Estrada Geral Barra do Norte, em São Ludgero é um dos mais preparados para este tipo de pesca. O proprietário Silvio

Pickler, explica que além dos peixes tradicionais como Traíra e Tilápia, as pessoas tem o prazer de praticar o esporte com peixes do Mato Grosso do Sul como Pacu, Dourado e Pintado. “Há dois anos, fizemos uma experiência e trouxemos filhotes destes peixes. Eles se adaptaram muito bem a região”, conta Pickler. No caso da Pescaria Esportiva não é oferecido os acessórios, este é de responsabilidade de cada pessoa. O Pesque Pague Floresta Negra funciona de terça a domingo e as pessoas pagam R$ 10,00 o período para praticar a Pesca Esportiva. Informações pelo fone (048) 9624 0769.

Jairo também pesca três vezes por semana O proprietário da Loja Casa das Gaiolas de Braço do Norte, Jairo da Silva, que há dez anos comercializa produtos para apicultura, aves ornamentais e há aproximadamente cinco entrou definitivo na área de acessórios e equipamentos para pesca tanto para água doce como para o mar, revela sua paixão pela Pescaria Esportiva. Torneios já foram realizados e para 2011 está previsto mais alguns. Jairo é um dos membros de um grupo de mais de 20 na região que praticam a Pesca Esportiva três vezes por semana. “Praticamos este esporte nos rios e açudes como o Floresta Negra que é um dos mais preparados neste sentido”, conta. Ele comenta o prazer em pegar um pequeno ou um peixe muito grande. Quando o assunto é levar o peixe para casa, aí ele dá a dica: “No caso de Pesque Pague aí é só pegar alguns quilos de filé, pagar e saborear com uma gelada”, brinca o comerciante.

Vanderlei Alves é um dos apaixonados pelo esporte Um dos pioneiros na região da Pesca Esportiva foi o jovem Vanderlei Alves, 34 anos. Natural de Armazém e há dez anos residindo em Braço do Norte, conta que a adesão ao esporte aconteceu há cerca de sete anos. Com muita motivação diz que a Pesca Esportiva nos próximos anos deverá receber muitos adeptos. “Muitas pessoas não entendem o esporte. É muito gostoso, um jogo entre o peixe e o pescador, a integração com a natureza e os amigos”, conta. Ele acrescenta dizendo que a Pesca Esportiva também educa, trabalha a consciência ambiental e o respeito pelo meio ambiente. “Este esporte traz coisas boas para as pessoas e suas famílias. Eu, por exemplo, muitas vezes vou praticar a pesca com minha filha e ela aos poucos está apreendendo”, observa.

O peixe da foto Vanderlei pegou em Barcelos (Amazonas) em 2010 e pesou 7 Kg

Ele relata sua luta com um peixe no Amazonas

Assim como outros produtos, os acessórios para pesca possuem preços e marcas variados. “Se tratando de equipamento, roupa e os acessórios para a pesca, o gasto vai depender de como cada um quer se equipar. No caso da pesca propriamente dita, o segredo está na habilidade da pessoa com os acessórios utilizados”, detalha. A Casa das Gaiolas está localizada na Rua Nereu Ramos, 1425, centro de Braço do Norte. O fone para contato é (048) 3658 7791.

“A pescaria aconteceu em Barcelos (Amazonas) de 03/10/2010 a 09/10/2010 e o peixe da foto foi pego na quarta-feira, meia tarde mais ou menos. Eu e meu parceiro de pesca e grande amigo, Bora, chegamos num espraiado que se formou num braço do Rio Negro e fomos batendo cada ponto. Já no início o Bora pegou um peixe de 5,5 Kg e logo em seguida ouvimos este monstro da foto caçando no final da praia em questão. Quando chegamos no final da praia começamos a bater com iscas de meia-água, subsuperfície, zaras e nada. A partir de um certo momento percebemos que o peixe estava rebojando porém não atacava a isca. Depois de inúmeras tentativas o Bora desistiu e começou a pescar em outro ponto, foi quando o piloteiro falou pra colocar uma hélice e aí foi batata, foi só jogar a isca, dar duas puxadas e BUUUMM o bicho saiu do fundo dágua como um monstro atacando a sua pressa fazendo o maior barulhão que assustou a todos nós no barco. Depois disso começou a passar muita coisa pela minha cabeça, pois aquele peixe e a emoção que ele tinha me causado naquele momento representou para mim o máximo de sucesso que eu como pescador poderia querer e foi exatamente aquilo que fui buscar. Pensei ali em todo o trabalho para os preparativos, todo o esforço para me liberar do trabalho e claro do esforço financeiro, já que só por uma loucura que pude estar ali. Depois de um ou dois minutos dando linha para o bichão e segurando ele para não ir para a galhada consegui colocar a mão nele. A alegria foi tanta que teve dedicatória do peixe para a família, agradecimento para a mulher e tudo mais. Antes de largar o peixe na água eu pulei na água e a foto representa exatamente o sentimento de vitória e o fato de parecer levantar o troféu não é mera coincidência. Antes de soltar só pude olhar bem nos olhos dele e agradecer, pela alegria que ele me deu e pasmen, pois parece que estava entendendo e estava dizendo tipo “tudo bem você venceu, más agora me solta pra voltar para minha família” e foi o que aconteceu! O peixe pesou 7 Kg porém a emoção foi em igual frente a um outro de 8 Kg que peguei na isca de meia-água. Aliás, se você quer fazer jus ao investimento de ir pescar em Barcelos vá preparado fisicamente para pescar com isca de hélice (recomendo RipHoller ou Tucunarex), ou no mínimo com zaras na superfície. Agradeço também a BallyHoo pela oportunidade e pelo prêmio. Em novembro participei de um concurso da Ballyhoo, postei uma foto da minha recente pescaria e ganhei”.

PRODUTOS E SERVIÇOS


Geral

06 · www.jornalnoponto.com

Sábado, 26 de fevereiro de 2011

Após a confirmação, nas urnas, Toninho do Colonial e Nélo, juntamente com inumeros associados sairam em carreata nos dois municípios. Mesmo somados os votos das duas chapas concorrentes, Chapa 1 sairia vitóriosa

Cerbranorte - Chapa 1 confirma favoritismo Os associados da Cerbranorte foram convidados a escolher entre três chapas no último domingo, 20, mas a participação esteve abaixo do esperado, segundo presidente, Valdir Willemann, o Voíco, que apostava em oito mil votantes. Apenas 5063 que exerceram o poder de voto e mais que a maioria, exatamente 2585, elegeram a Chapa 1, encabeçada por Toninho do Colonial e Nelo para

administrar a cooperativa nos próximos quatro anos. A votação foi aberta às 8 horas e durante todo o dia, acompanhado de um forte calor. Apesar da tenperatura tudo correu tranquilamente nas 17 sessões montadas em Braço do Norte (14) e Rio Fortuna (3). Os apoiadores de cada candidato se aglomeravam nas áreas externas dos locais de votação em busca dos indecisos.

Com temperatura elevada, indice de votantes foi menor que o esperado pelo presidente

Voluntários contribuíram para tranquilidade nas sessões O dia clareava quando os envolvidos no processo eleitoral, 54 voluntários de cooperativas vizinhas além de parte dos mais de 80 funcionários da Cerbranorte passaram a organizar as sessões. Ao longo do dia, uma pau-

sa para o almoço ou lanche, cedido pela cooperativa. “Foi um trabalho excelente, um pessoal que deixou de seu lazer para agüentar o calor das salas de votação. Eles estão de parabéns e só temos que agradecer”, declarou Voíco.

Resultado mais rápido na história Voíco acreditava que daria o resultado oficial até as 21 horas. Porém, foram necessários pouco mais de 30 minutos para conhecer o novo presidente da cooperativa. “Muitas pessoas acessaram a secretária, mas nenhum fato fora do normal foi registrado. Na apuração decidimos levar o pessoal e dividimos em 17 mesas, motivo que agilizou, e muito, a contagem. A votação ficou abaixo do esperado, mas o associado teve direito de escolher pelo seu candidato”, expôs. Ao serem informados dos resultados, os apoiadores carregaram Toninho do Colonial que fez questão de cumprimentar todas as pessoas que estavam à frente da sede da Cerbranorte, antes de seguir para a comemoração da vitória. “Tenho que agradecer a cada associado que acreditou nas minhas propostas. Após a posse passarei a trabalhar efetivamente para cumprir com elas e assim beneficiar todo o município”, enfatiza.

Para o apoiador da Chapa 1, Arnaldo Meurer, a busca agora é pelo apoio para as principais prioridades da chapa, o projeto da subestação e a retomada da construção da PCH Capivari. “Tentamos fazer uma chapa de consenso, o que não foi possível, infelizmente, pois a idéia era com todos unidos, buscar os deputados de cada partido para articular a viabilidade do projeto. Conforme pesquisa, os associados deram voto de confiança a chapa 1 e esta vai trabalhar, em cima de suas proposta, mas para beneficiar todos”, classifica. Ele elogia ainda a participação dos concorrentes. “Todas as chapas estão de parabéns pela coragem de entrar na disputa. Fico triste pois todos somos conhecidos, inclusive o Roberto (Kindermann) é meu sobrinho e tenho carinho por ele, mas apenas uma chapa poderia vencer. Agora é unir forças para defender os projetos”, defende.

Redução dos vencimentos foi criticada por presidente No dia que antecedeu a eleição, a Cerbranorte realizou a Assembléia Geral, para apresentar o demonstrativo financeiro das ações realizadas nos últimos 12 meses. Mas, o fato que gerou maior discussão foi à redução dos vencimentos dos membros eletivos, proposto por um dos associados. Para o presidente, Voíco, a redução poderia ocorrer, mas não drasticamente como foi aprovado. “Tenho preocupação com a redução em quase metade do salário. O presidente tem muitas responsabilidades e obrigações e este valor não corresponde a realidade. Com o atual salário um presidente pode ser caro se não for atuante, ou barato se lutar por fazer o melhor para os associados. Isto não foi levado em conta”, defende. O salário do presidente caiu de R$ 11.625,00 para R$ 6 mil. O vice que antes recebia R$ 4,65 mil, passará a receber R$ 2,5 mil. “O valor cai ainda mais com os descontos”, explica o presidente. Também foram alterados os vencimentos do secretário e membros do conselho.


Geral

Sábado, 26 de fevereiro de 2011

www.jornalnoponto.com · 07

Zé Maria e a madrasta de Toninho do Colonial contam, um pouco da história da família, e comemoram a vitória da Chapa 1. Pai diz que neto (Eduardo Rech) foi apoio fundamental na campanha, ‘ ele assumiu os negócios para o pai ser candidato’

Aos 83 anos, Zé Maria diz estar orgulhoso com filhos Para uma pessoa que se tornou o ‘Homem da família’ com apenas 10 anos, é um orgulho ver todos em situação confortável, mais ainda quando dois deles trabalha com o propósito de fazer o bem para a comunidade. Este é o sentimento de José Manoel da Silva, o Zé Maria, de 83 anos, pai da vereadora Maria da Silva Kulkamp e também do agora presidente da Cerbranorte, Antônio da Silva, o Toninho do Colonial. Homem do interior de Armazém Seu Zé Maria conheceu cedo o que é ter responsabilidades. Após o

falecimento do pai ele passou a trabalhar na fazenda de Artur Loch, no Rio Carolina, também interior do município e o que ganhava até os 17 anos, servia para cuidar da mãe e dos seis irmãos. Com o casamento, aos 24 anos, ele começou a criar a sua família de onde nasceram a Maria vereadora, o Toninho do Colonial e outros cinco filhos. “Todos foram criados na roça e estudaram até a oitava série. Quando eles passaram há ter um pouco mais idade, eu comecei a negociar gado e viajava bastante, mas ape-

Projetos futuros têm apoio do pai Zé Maria revela que na infância dos filhos nunca usou a violência, mas sim conselhos para orientar. “Acho que fui correto na educação, pois eles são boas pessoas, sempre foram trabalhadores e caprichosos. Acho que o Toninho será assim na Cerbranorte”, opina. A decisão de trabalhar para o bem da população, também é bem vista pelo pai. “O povo

gosta dele e isso já demonstrou. Mesmo com pessoas contra ou a favor, ele deve seguir o que acha correto e tem meu apoio. Vamos ver se ele se sai bem”, deseja Zé Maria”. Como apresentado antes, a Chapa 1 possui dois projetos essenciais, a construção da subestação e conclusão da PCH Capivari.

nas determinava o serviço da lavoura e eles cumpriam a risca. Eles trabalhavam para a família e não para si, acho que isso ajudou eles terem o coração grande” justifica. Quando os filhos pensavam em casar, Seu Zé Maria aproveitava e dava uma força no casamento. Ele revela que quando casou Toninho decidiu, a pedido do sogro, residir em Braço do Norte e junto a esposa,

administrar o negócio da família, na época um pequeno mercado. “Disse a ele que poderia optar. A família se uniu e cresceu na cidade, criou três supermercados e é bom saber que meu filho contribuiu”, diz. Na hora que Toninho do Colonial decidiu investir na campanha Zé Maria expõe a força da família. “Ele pediu o conselho do filho (Eduardo) que disse a mãe ‘ vamos deixar o pai seguir

a vontade dele e eu ajudo na administração. A gente passou a trabalhar, pedir votos aos amigos e tudo deu certo”, comemora. Com a chapa liderada por Toninho eleita, o pai mostra a felicidade. “Já tinha uma filha que me deu alegria na política, agora com o Toninho na Cerbranorte posso dizer que é um orgulho, uma felicidade, um prazer muito grande para um pai”, desabafa.


08 · www.jornalnoponto.com

Geral

Sábado, 26 de fevereiro de 2011

Veterinária faz pesquisa sobre leite

Jogo Rápido Israel de Souza

israel_radio@yahoo.com.br

Deu Toninho

Deu à lógica. Com o apoio da velha guarda da política braçonortense, Toninho e Nélo, se elegeram presidente e vice da Cerbranorte respectivamente. A chapa 1 mesmo com a vitória esperava um pouco mais de votos. Agora é trabalho e trabalho. Toninho ressalta que não há tempo para descansar, e que o trabalho já começou.

Negativada

Toninho esteve na ACB FM nesta semana e disse que seu primeiro desafio como presidente será resgatar o crédito da Cerbranorte. Segundo ele, a cooperativa está negativada em vários pontos, inclusive, com problemas na CELESC. Divida que se arrasta desde 2004. “Primeiro vamos recuperar o crédito da cooperativa, para depois pensar em buscar financiamentos”, disse.

Roberto e Nivaldo

A chapa 3 fez uma votação expressiva que surpreendeu muita gente. Nem eles próprios esperavam tantos votos. Com essa votação toda, Nivaldo Ricken (PMDB) sai fortalecido como líder e como vereador e, Roberto Kindermann ganha prestigio e respeito para as eleições de 2012. Hoje o nome de Roberto Kindermann tem outro peso. Ele próprio não descarta a possibilidade de fundar uma nova sigla partidária para disputar a prefeitura no ano que vem. Os 1.639 votos vão pesar na próxima eleição municipal.

Ronaldo e Ednei

O que dizer do vereador e candidato Ronaldo Fornazza? Cadê os votos de Rio Fortuna? Cadê o grupo de apoio? Ronaldo era até então tido como um candidato a ser batido, e por vários momentos no decorrer da campanha encostou no candidato da chapa 1. Como explicar os 813 votos? O próprio edil não entende aonde foram parar os seus votos. E as pesquisas? Nossa, erraram feio. Essa com certeza foi uma eleição atípica e que os reflexos serão sentidos em 2012.

Lixo

A empresa RECICLE trabalha na conscientização da população quanto à coleta de lixo seletiva. Tem muita gente que brinca com a Lei, não separam o lixo como deve ser e ainda criticam a empresa que recolhe o material. Separar o lixo é preciso, mudar é preciso, reciclar é preciso.

O curso de Medicina Veterinária da Unisul, em parceria com a Udesc e a UFRGS, vai desenvolver o projeto “Incidência, caracterização, quadro experimental e tratamento do Leite Instável Não Ácido em Santa de Santa Catarina”. O projeto, que será desenvolvido ao longo de 24 meses, analisará e estudará o chamado leite instável não ácido, conhecido também pela sigla LINA. Este leite muitas vezes acarreta prejuízo para o produtor, pois, mesmo não sendo, acaba aparecendo nos testes feitos como “ácido”, o que é fator de rejeição para ser utilizado pelas empresas que comercializam leite. Pesquisas anteriores demonstraram que nem sempre o leite identificado como ácido nos testes que as empresas distribuidoras fazem no produto coletado dos produtores apresenta realmente esta característica. Esses estudos indicam que o produto falso positivo ocorre por diversas causas, entre elas: dieta desbalanceada das vacas leiteiras, além de fatores genéticos e animais que passaram por uma longa lactação. Muitos pesquisadores que já se dedicam ao assunto em outros estados. Em Santa Catarina, onde o problema também ocorre, ele nunca foi estudado. Por isso, o projeto que

Professor, Peter J. Bürger, é coordenador de veterinária da Unisul e desenvolve a pequisa

reúne as três universidades iniciará com o monitoramento de 50 propriedades leiteiras da bacia leiteira do Vale do Braço do Norte. O resultado esperado é que, ao final do projeto, os pesquisadores possam municiar os produtores com informações a produtores e indústrias sobre o melhor aproveitamento do leite. O professor Peter Johann Bürger, coordenador do curso de Medicina Veterinária da Unisul, lembra que os principais fatores que limitam a eficiência dos sistemas de produção da Região Sul estão relacionados ao manejo da alimentação, da reprodução e da

sanidade dos rebanhos, bem como à qualidade do leite. Isto ocorre especialmente entre os pequenos produtores e acarreta a redução de seus rendimentos com a atividade. O professor e pesquisador André Thaler Neto, da Udesc, salienta: “Com a pesquisa, espera-se chegar a soluções que possam reverter esse que é um dos principais problemas que atinge toda a cadeia produtiva do leite. O produtor acaba tendo seu leite descartado, a indústria tem uma diminuição do rendimento industrial dos derivados lácteos e também o país deixa de exportar, por ter na falta de qualidade do produto uma barreira não-tarifária”.


Sábado, 26 de fevereiro de 2011

Variedades

www.jornalnoponto.com · 09

Ponto da Piada

HORÓSCOPO

Completamente insano, totalmente fora de ponto

ÁRIES 21MAR/20ABR Amor: Goza de um bom momento nesta área. Aproveite-o. Saúde: Não surgirá nenhuma surpresas nesta fase. Dinheiro: Maior dicernimento resultará em bons negócios.

Papagaio poliglota Na loja de animais tinha um papagaio poliglota à venda por mil reais. Um dia um homem se interessou, e perguntou como funcionava. O dono da loja respondeu:

TOURO 21ABR/20MAI Amor: Poderá surgir uma nova amizade ou um novo relacionamento. Saúde: O trabalho exige maior esforço. Durma mais para recuperar energias. Dinheiro: Não é um bom momento para negócios. Aguarde.

– Você levanta a asa direita e ele fala francês, a esquerda ele fala alemão, a perna direita, italiano e a esquerda, português. O cara ficou abismado, e perguntou:

GÊMEOS 21MAI/20JUN Amor: Está motivado para realizar o seu grande desejo. Saúde: Procure controlar os seus excessos. Cuide-se. Dinheiro: Prepare-se para enfrentar desacordos, mantenha a calma.

– E se levantar as duas pernas? E o papagaio responde:

CÂNCER 21JUN/20JUL Amor: A sua simpatia conquistará todos os que o rodeiam. Saúde: Momento de equilíbrio neste campo. Dinheiro: Utilize as suas capacidades para tentar obter o que deseja. LEÃO 21JUL/22AGO Amor: Os ciúmes não nos levam a lado nenhum. auto-controle. Saúde: Cuidado os exageros, não coma muitos doces. Dinheiro: Momento propício para um investimento mais sério.

– Eu caio, imbecil!

PALAVRAS CRUZADAS DIRETAS

Bahia Móveis e Decorações

Há 10 anos no município a simpatia é marca que embala o casal de empreendedores Ionete e Baiano. A expectativa para 2011 é de muito sucesso!

VIRGEM 23AGO/22SET Amor: A paixão poderá invadir brevemente o seu coração. Saúde: Dê mais importância ao seu aspecto físico e faça uma dieta. Dinheiro: Seja mais organizado e prudente com as suas finanças. LIBRA 23SET/22OUT Amor: Seja mais frontal e correto ao dizer aquilo que sente. Saúde: Psicologicamente poderá sentir alguns bloqueios. Dinheiro: Os incentivos poderão surgir. ESCORPIÃO 23OUT/21NOV Amor: Conserve a serenidade e objetividade para resolver problemas. Saúde: Atravessa uma fase de equilíbrio e de força. Dinheiro: Fase menos positiva, mas de curta duração. SAGITÁRIO 22NOV/22DEZ Amor: Não basta dar aos filhos a alimentação e educação. Dê-lhes o seu exemplo de honestidade! Saúde: Prováveis dores de dentes. Dinheiro: Não gaste o que tem e o que não tem.

Grasitano Gás

Os proprietários Grasiela Brolesi Bittencourt e Murilo Bittencourt comemoram o bom rendimento de seu empreendimento que já está no nono ano.

CAPRICÓRNIO 23DEZ/20JAN Amor: Encontrará uma pessoa com características totalmente diferentes. Saúde: É natural que sinta as suas energias redobradas. Dinheiro: Com prudência fará o negócio certo. AQUÁRIO 21JAN/19FEV Amor: Seus filhos precisam do seu carinho, não viva só para o trabalho. Saúde: Se não for você a cuidar da sua saúde, mais ninguém o fará. Dinheiro: Poderá ser agora recompensado todo o seu desempenho. PEIXES 20FEV/20MAR Amor: Se não tiver confiança, a sua relação não poderá ir longe. Saúde: Procure ter uma alimentação mais rica em vitaminas. Dinheiro: Momento bom mas não se exceda.

Envie a sua para: redacao@jornalnoponto.com

Gerência de Educação

Catea Albertina Alberton, com muita habilidade conduz a Gerência de Educação da Secretaria de Desenvolvimento Regional (SDR) de Braço do Norte.


Segurança

10 · www.jornalnoponto.com

Sábado, 26 de fevereiro de 2011

Levantamento mostra eficiência nas ações de investigação Nesta semana a Polícia Civil de Braço do Norte finalizou um relatório de ações de 2010 e prova que o número de crimes aumentou, assim como o trabalho de investigação destas ocorrências também mostrou a excelência no serviço. As ações demonstradas no relatório são dados referentes a investigação conjunta entre a equipe de investigação, coordenada pelo delegado Leonardo Valente e a PM, sob comando do Tenente Coronel Silvio Ricardo Alves. O relatório abrange os cinco municípios da comarca. Nele os policiais definem os crimes e os locais. Em 2010, foram registrados quatro ho-

micídios (três em Braço do Norte e um em Rio Fortuna), todos resolvidos. O mesmo ocorreu com as tentativas de homicídios que somaram 13 no total (nove em Braço do Norte, três em Grão-Pará e um em Rio Fortuna). Houve ainda 28 casos de estupros, no qual apenas dois ainda são investigado, um em São Ludgero e outro em Rio Fortuna. Os casos de roubo, 20 no total, registra o maior número de casos ainda investigados, 10 ao todo. O relatório consta dados dos mesmos crimes (seis no total) cometidos nos dois primeiros meses deste ano e apenas um roubo ainda não foi solucionado. “Mesmo com

as equipes reduzidas (dois da PC e dois da PM) os resultados são positivos segundo estatística. Até agora damos conta dos casos, já que a maioria foi solucionado. Esta é a resposta que a população espera”, declara o investigador Alexandre Martimiano. Alexandre explica ainda que os bons resultados são fruto do trabalho em conjunto com os investigadores da PM. “Estamos envolvidos no dia a dia, há uma troca de informações de ideais que fazem o trabalho fluir. Somente com esta união atingiríamos tais número de resolução”, defende. As equipes atendem uma população que somadas chega a mais de 90 mil habitantes.

Crimes alertam equipes de investigação ESTADO DE SANTA CATARINA

SECRETARIA DE foESTADO SEGURANÇA PÚBLICA E DEFESA CIDADÃO A preocupação dos agentes emDA 2010 este número chegou a DO Nos dois anos anteriores DELEGACIA GERAL POLÍCIA CIVIL é o aumento e diversificação ram presos em flagrante 195 DA22. Delegacia Fls............ Odo Norte investigador Alexandre dos crimes, já que apenas nos pessoas, onde surge deo Polícia alerta.de Braço Em 2010 foram 114 prisões, Martimiano explica que des- dois primeiros meses de 2011, contra 81 de 2009. Nos dois me- tes registros resultaram outras foram 31 inquéritos registrados, ses de 2011 houve 16 prisões. prisões. “O número de presos contra 200 de 2010 e, 173 em TRABALHO Os casos de Maria da Penha, RELATÓRIO foi muito maior.DE Teve casos de 2009. “Sim. Há uma preocupaou violência contra as mulheres prendermos mais de 15 pesso- ção neste sentido e nosso trabaultrapassou a embriaguez como as. E não foi apenas um, foram lho e cumprir com nossa obrigaDelegacia da Comarca de Braço do Braço do Norte é composta por cinco cidades: motivação para as prisões. Fo- vários. Isso porque não prende- ção, solucionar os crimes. Pelo Braço do Norte (30.000 habitantes), São Ludgero (10.500 habitantes), Grão Pará (4.500 ram 16 casos em 2009 e, 28 em(4.500 mos habitantes) o bandido e eparamos podemos afirmar habitantes), Rio Fortuna Santa nosRosa levantamento de Lima (2.500 habitantes). so habitantes. trabalho. Continuamos pois que estamos totalmente envol2010. O tráfico de drogasde tamPopulação aproximada 52.000 bém vem crescendo nos índices sabemos que outros aproveitam vidos, tanto PC, quanto PM, Investigações em conjunto PC e PM resultaram em prisões e apreensões policiais. Em 2009 as prisões a oportunidade para atuarem”, com a população e com nossa destaca. SOLITADAS E INDICE somaram 10 casos, enquanto função deRESOLUÇÃO investigar”, finaliza. RESUMO DAS OCORRÊNCIAS DE

Supermercado Colonial sofre assalto

RESUMO DAS OCORRÊNCIAS SOLITADAS E INDICE DE RESOLUÇÃO TIPIFICAÇÃO Cidades Homicídio Resolvido

SL -

2010 GP -

BN 03 03

Tent. Homicídio Resolvido

SL -

2011 GP -

RF 01 01

SRL -

BN 01 01

RF -

SRL -

09 09

-

03 03

01 01

-

02 02

-

-

02 02

-

Roubo Resolvido

16 09

03 00

01 01

-

-

01 00

-

01 01

-

-

Estupro Resolvido

17 17

04 03

06 06

01 00

-

02 02

-

-

-

-

PRISÕES REALIZADAS EM FLAGRANTE – “APF” •

ANO 2011 – 15 APFs com 16 prisões; Motivação: Furto – 05 Maria da Penha – 04 Armas - 01 Roubo – 01 Embriagues – 01 Tráfico de drogas – 01 Tentativa de Homicídio – 01 Estupro - 01

ANO 2010 – 99 APFs com 114 prisões; Motivação: Maria da Penha – 28 Tráfico de drogas – 22

A polícia solicitou atenção e a instalação de equipamentos de segurança no Supermercado Colonial, localizado no bairro São Basílio após um assalto a mão armada - registrado na semana passada e um furto comunicado na madrugada de terça-feira, 22. Os assaltantes entraram pela porta da frente do estabelecimento. Com um pé de cabra eles arrombaram uma das portas de vidro e levaram cinco caixas. Um deles foi encontrado. Apesar do prejuízo com a porta e os caixas, os criminosos não conseguiram

levar grande quantia em dinheiro. De acordo com as informações colhidas pela polícia, ele não chegou a R$ 150 reais em moedas. O investigador Alexandre Martimiano informa que as investigações irão prosseguir. “O crime pode ter relação com o assalto da outra semana. Vários indicativos foram colhidos no local e analisamos o material”, declara. Apesar de seguirem algumas pistas Alexandre alerta a população. “É importante a população ficar alerta e denunciar através do 197”, solicita.


Sábado, 26 de fevereiro de 2011

Esporte

www.jornalnoponto.com · 11

Abertura com bons resultados de enxadristas A equipe de xadrez do município mostrou que o ano terá empenho total em busca dos melhores resultados. Na primeira etapa do 13º circuito de Xadrez Rápido, realizado no sábado, 19, em Florianópolis o grupo com 11 enxadristas deu a primeira demonstração do que vem por aí. Divididos em três categorias - super, especial e escolar – a equipe enfrentou adversários de Lages, Navegantes, Chapecó, Blumenau, Imbituba, Joinvile e Itajaí. Motivados pela presença de grandes ídolos como o Grande Mestre Internacional Everaldo Matsuura, Mestre Federado Alfeu Bueno, César Umetsubo (atual campeão catarinense) e Felipe Menna Barreto (cam-

peão gaúcho 2009), os enxadristas de Braço do Norte tornaram a disputa mais emocionante. Mesmo contra cidades com história mais antigas no esporte Braço do Norte conseguiu vários destaques entre eles os dois primeiros (Dayani Schlickmann Borba - na categoria Sub 10 e Igor Michels - na categoria Sub 12) e dois terceiros lugares (Kelin Schmoeller - na Sub 16 e Daiane Coan – na escolar). José Guilherme Viana (masculino) e Everton Coan (no Sub 14) ficaram com o quarto lugar e Jaine Pereira com o quinto lugar no feminino também subiram ao pódio. Para o incentivador e treinador, Lúcio Teixeira de Souza, o receio da estréia foi substituído pelo desejo de uma boa

Grande momento A equipe se saiu bem já na entrega da premiação. Dayani Schlickmann Borba, recebeu o troféu de campeã 2010 da categoria Sub 10 - divisão especial -. Kelvin Schmoller ficou com a terceira colocação da categoria Sub 14 - divisão superior -. Everton Coan e Eduardo Danieslki chegaram à 3ª e 6ª colocação geral da divisão escolar. O próximo passo do incentivador é a busca para custear a equipe. “A CME oferece o transporte, mas são os atletas que custeiam as refeições e inscrições”, esclarece.

CLASSIFICAÇÃO Divisão Superior Kelin Schmoeller - 3º lugar na categoria Sub 16. Equipe de Braço do Norte representou bem o município em Florianópolis

representação. “Era a estréia de três enxadristas na divisão especial e fiquei apreensivo, mas fui surpreendido pelo bom resultado de todos os jogadores”, revela. O maior benefício porém foi assistir a todas as disputas. “Olhar

as partidas de todos os jogadores e ver os problemas de cada um foi importante. Alguns com problemas de iniciantes e outros já sem erros básicos e que começam pedir mais ensinamentos profundos como estratégia e finais”, destaca .

PRODUTOS E SERVIÇOS

Divisão Especial Dayani Schlickmann Borba - 1º lugar na categoria Sub 10 Igor Michels - 1º lugar na categoria Sub 12 Everton Coan - 4º lugar na categoria Sub 14 Eduardo Danielski - 8º lugar na categoria Sub 14 Divisão Escolar José Guilherme Viana - 4º lugar masculino Gabriel Guesser - 11º lugar masculino Daiane Coan - 3º lugar feminino Jaine Pereira - 5º lugar feminino Cindy Philippi - 9º lugar feminino


12 · www.jornalnoponto.com

Esporte

Sábado, 26 de fevereiro de 2011

Escola demonstra preocupação com o futuro Há 16 anos o Colégio Espaço foi implantado no município e desde aquela época, há o envolvimento com o esporte. O motivo principal é a admiração e o envolvimento do proprietário Charles Hemkemeier com o esporte. Desde pequeno ele vive em meio as quadras, mesas e outros equipamentos e locais para prática. A criação do colégio tornou o sonho de contribuir com o esporte e com cidadãos mais conscientes, uma realidade. No primeiro ano com apenas seis alunos, não havia como treinar. Mas, a partir do segundo ano e, com 30 alunos a idéia começou a mexer com o proprietário. Ele conta que o grupo pegava circular na rodoviária e seguia até o ginásio Dorvalino Loch, no Rio Bonito para treinar. “O esporte esta no meu DNA, venho de família de esportistas e aqui leva-

Ano novo será de novos projetos

Charles defende que exercício social deve ser avaliado no momento de investir

mos a sério nosso slogan ‘ educando através do esporte’”, destaca. Há oito anos, em uma parceria com a empresa Água da Serra, o apoio se intensificou, com a possibilidade de oferecer bolsas de estudo à atletas. “Quem intermediou esta parceria foi o treinador Inivaldo João Ostrowski. Tivemos êxito no apoio conjunto, pois os atletas se sentiram valorizados”, expõe. Novas modalidades

passaram a se destacar no município e a diretoria do colégio Espaço acompanhou esta diversificação. Hoje o vôlei masculino e o xadrez também recebem o apoio da instituição de ensino. “O atleta Zé Henrique esteve com a gente o último ano, é fruto deste processo. Ele quer ser um profissional e como excelente aluno e esforçado, desejamos que ele alcance este sonho”, comenta.

O voleibol, agora nas duas categorias no masculino passou a estar nos planos da instituição no segundo semestre de 2009, quando o time foi montado - receberá o apoio do colégio, mas outras modalidades devem ter parceria. Um dos casos é o Xadrez. No Xadrez, o apoio foi confirmado esta semana. O colé-

gio Espaço dará bolsa de estudo para os enxadristas, um deles o destaque do município Kelvin Schmoller. “Nosso objetivo não é somente formar atletas, mas também bons seres humanos, abrir portas para promessas no esporte também é nosso objetivo, desde que eles também estejam envolvidos”, explica. Charles afirma que

conhece a dificuldade. “Sabemos a dificuldade de conciliar as duas coisas, mas não podemos ser omissos quanto a educação. Cobramos envolvimento nas aulas e notas. O atleta até pode ter bons resultados no esporte, mas precisa equilibrar isto com sua participação nas atividades do colégio”, ressalta.

Cumprindo com o objetivo Em relação ao voleibol, Charles admite ter facilidade em contribuir. “Eu faço minha parte e coincidentemente tenho um professor que está diretamente envolvido com a CME. Disponibilizo este funcionário para treinar a equipe municipal. Mas apoiar é algo peculiar”, lembra.

Segundo ele, a empresa que quer apoiar deve encontrar um profissional no qual ele confie. “A modalidade precisa ter seqüência de trabalho. Conhecer com quem se trabalha é fundamental. Por outro lado o profissional deve mostrar que vale apena o investimento”, observa. Ele também explica que o empresário, inte-

ressado no apoio precisa estar consciente de que o esporte não dará um grande retorno financeiro. “Em contrapartida, o valor social não há como mensurar. Conheço o setor e posso dizer que o valor que uma grande empresa investe no esporte é irrelevante em seu faturamento”, finaliza.


Jornal No Ponto