Page 1

anos jornalminuano.com.br

BAGÉ, quinta-feira, 21 de fevereiro de 2019 - ANO XXIV Nº 6 162| R$ 2,00

POLÍTICA

ENSINO

ESPORTE

Antenor quer presidir Cerca de 13 mil alunos retornam às o Progressistas em salas de aula 2020

Guarany terá primeiro jogo-treino da temporada

Vereador confirmou tratativas em reunião com o presidente estadual da sigla Pág. 5

Município contará com nova escola, a 63ª da rede, a partir de março, na Cohab Pág. 10

Elenco alvirrubro vai encarar, neste sábado, em casa, o União da ASM, de Livramento Pág. 15

TIAGO ROLIM DE MOURA

APLICATIVO DE MOBILIDADE

UBER SE PREPARA PARA OPERAR EM BAGÉ

Gigante do setor de transporte particular iniciou, terça-feira, processo de cadastro para interessados em atuar como motorista pelo aplicativo na Rainha da Fronteira, assim como no município de Uruguaiana. Pág. 11

ANTÔNIO ROCHA

122 ANOS DE FUNDAÇÃO

A BUSCA PELO MEMORIAL DE SANTA THEREZA

Há exatos 122 anos, era inaugurada a Charqueada de Santa Thereza. Hoje, o espaço fundado pelo português Antônio Nunes de Ribeiro Magalhães não é apenas lembrado por seu passado, mas também se tornou um ponto turístico. E, agora, uma iniciativa busca ampliar a gama de estruturas revitalizadas do complexo. Pág. 3

Previsão do tempo

19ºC

32ºC

EMPREENDEDOR - Bagé Tênis Clube terá baile de carnaval infanto-juvenil

Pág. 6


02

Opinião

www.jornalminuano.com.br

BAGÉ, 21 DE FEVEREIRO DE 2019

Editorial

redacaominuano@gmail.com www.jornalminuano.com.br

Demanda por mobilidade O crescimento cada vez mais virtuoso de veículos automotores circulando por grandes e até mesmo pequenas cidades aliado, muitas vezes, a sistemas de tráfego defasados, que não de adequam na mesma velocidade que a demanda exige, motivam o surgimento de alternativas de mobilidade. Em alguns países, e o Brasil não foge desta realidade, o incentivo de meios de locomoção que não ocupem muito espaço, nem exijam estruturas gigantescas, como as bicicletas, vem modificando paisagens. Mas, e esta é uma constatação real, de maneira ainda comedida. Assim, mesmo existindo sugestões para que mudanças contribuíam para a solução de uma demanda, um nicho se estabeleceu. O nicho em questão, no atual momento, são os aplicativos de mobilidade por aplicativos. Tecnológicos e com preços competitivos, para competir com os tradicionais táxis, bem como com o transporte coletivo,

estes serviços ocuparam um mercado que, até pouco tempo atrás, poucos sabiam existir. Bagé, aliás, vem experimentando esta tecnologia há pouco tempo, com a chegada do Garupa e, posteriormente, do Bagé Táxi App. Iniciados de forma experimental, ambos vêm registrando crescimento na procura, estimulando que os gestores buscassem mais profissionais para atender a clientela, que acabou, até certo modo, se tornando fiel. Esta realidade contemporânea, talvez, tenha sido a real motivação para que uma marca conhecida no mundo todo, a do Uber, vislumbrasse suas operações, enfim, também, na Rainha da Fronteira. O aplicativo, que gerou uma série de debates e mesmo regulamentações por parte do governo brasileiro, se fixou e, agora, busca ampliar sua atuação sempre que possível. Enfim, mais uma vez, chegou a vez de Bagé. Tudo motivado pela demanda por mobilidade.

Endereço: Rua Brigadeiro Mércio, 72 - CEp 96400.720 - Bagé/RS Telefones: Redação (53) 3242-7693 - Assinaturas 3241-6377 www.jornalminuano.com.br | redacaominuano@gmail.com | facebook.com/jornalminuanobage

GERENTE COMERCIAL Adriana Robaina

Editor assistente - Sidimar Rostan • Reportagem - Viviane Becker - Cláudio Falcão - Melissa Louçan - Jaqueline Muza - Rochele Barbosa - Daiane Lima - Augustho Soares (estagiário) • Chargista - Cláudio Falcão • Repórter fotográfico - Antônio Rocha - Tiago Rolim de Moura • Diagramação - Luís Mário Pereira - Daniel Cuerda Ferreira • Assistente comercial Angelina Britto • Vendedores - Dulce Dias - Fabrício Becker • Assinaturas - Paula Freitas • Distribuição - Marcos Goulart • Administrativo Lidiane Selaje Marques • Colaboradores - José Carlos Teixeira Giorgis - Marcelo Teixeira - José Artur M. Maruri dos Santos - Norberto Dutra - Airton Gusmão - Dilce Helena dos Santos - Fernando Risch - João L. Roschildt • Impressão - Gráfica UMA (Grupo RBS) - Porto Alegre/RS Laboratório de

Jornalismo

joaoroschildt.jornalminuano@outlook.com

Declaração antropofágica

FAT - Jornal Minuano | CNPJ: 87415725/0012-81

EDITOR-CHEFE Felipe Valduga

João L. Roschildt

Coordenador do Curso de Jornalismo

Glauber pereira

Os artigos assinados não refletem, necessariamente, a posição do jornal. Por isso, a editoria não se responsabiliza pelas opiniões emitidas.

O vírus do politicamente correto, inoculado com maestria pelos higienistas artífices da (des) ordem social, conseguiu transformar a verdade em ofensa. Em uma época de ressentidos, repleta de estímulos relativistas, quanto mais o argumento se aproxima da órbita da veracidade, maior é o grau do vitupério. Com isso, uma afirmação que rompe com os cânones progressistas funciona como um pedaço de carne atirado a uma faminta matilha. Tão logo foi noticiado que o ministro da Educação, Ricardo Vélez Rodríguez, disse que “o brasileiro viajando é um canibal”, instaurou-se uma verdadeira cirandinha de sensibilidades entre os que se afetam com duras afirmações. A declaração, concedida à Revista Veja, em 01/02/2019, fez parte de um contexto em que o ministro defendia o retorno de perspectivas pedagógicas que orientassem os indivíduos para a cidadania. Ao especificar como os brasileiros se comportam de maneira predatória em viagens, Vélez afirmou: “Rouba coisas dos hotéis, rouba o assento salva-vidas do avião. Traz tudo de lembrança. Ele sai da porta de casa e pode carregar tudo. Esse é o tipo de coisa que tem de ser revertido na escola”. Dias após, em 06/02/2019, o deputado socialista Alessandro Molon anunciou que protocolou um requerimento (que ainda precisa ser votado) reunindo 176 assinaturas para que o ministro seja obrigado a prestar esclarecimentos sobre suas “polêmicas” frases ao Plenário da Câmara: “São declarações inaceitáveis para um ministro da Educação. Alguém que nasceu em outro país e exerce um cargo tão alto no nosso não pode desferir um ataque tão grave à honra dos brasileiros”, disse Molon. Por fim, Vélez

foi alvo de uma interpelação criminal no Supremo Tribunal Federal, instruída pelo advogado Marcos Aldenir Ferreira Rivas. Nessa peça processual, o autor pede que o ministro nomeie “quem é o brasileiro canibal, que rouba hotéis, salva-vidas de aviões e sai de casa carregando tudo”; afinal, Vélez teria cometido os crimes de calúnia, difamação e injúria. Finalmente, em 18/02/2019, pelo Twitter, o ministro pediu desculpas a quem se ofendeu e externou amor pelo Brasil. Mas somos canibais no sentido de Vélez? Tive algumas experiências em viagens ao exterior. Ao término dos deslocamentos de avião, majoritariamente ocupado por brasileiros, era flagrante a sujeira deixada no interior daquele meio de transporte. Já em terras estrangeiras, era recorrente ver a catástrofe comportamental em público: falta de educação é um termo educado. No meu raio de visão, não passaram despercebidos pequenos atos de subtração de bens alheios (justiça seja feita: assentos salva-vidas não!). O desrespeito às regras é algo que salta aos olhos. E salta tanto que os “nativos” dos países visitados possuem uma visão “tribal” de nossa realidade. E tudo isso é bem conhecido. Talvez alguns achem tudo normal. Todavia, negar os desvios é indecoroso e prejudica o processo de aprimoramento. Repudiar com veemência e “ofender-se” diante da realidade equivale a permanência no abismo civilizacional. É óbvio que não são todos os indivíduos que se enquadram no que foi narrado. E acaba sendo estapafúrdia e maldosa a interpretação da fala “generalista” do ministro como generalizante a todos os brasileiros. O erro de Vélez foi dizer a “verdade”. A ira dos progressistas é o manifesto da estupidez. Professor do curso de Direito da Urcamp

Cláudio Falcão

Charge Florêncio e o aplicativo Uber

falcaobage58@gmail.com


Cidade

www.jornalminuano.com.br

BAGÉ, 21 DE FEVEREIRO DE 2019

03

Associação Pró-Santa Thereza lançará projeto para finalização do Memorial da Charqueada ANTÔNIO ROCHA

cados para o galpão localizado nas proximidades. A presidente da entidade salienta que o início das obras para conclusão do memorial serão levados como prioridade neste ano. “Temos muitas coisas para fazer no Centro Histórico, mas, agora, neste momento, a gente quer focar na conclusão do memorial e no anexo”, declara.

O Centro Histórico

Estrutura foi fundada há exatos 122 anos Há exatos 122 anos, no dia 21 de fevereiro de 1897, era inaugurada a Charqueada de Santa Thereza, local responsável desenvolver vários setores da região e que contava com uma estrutura onde haviam equipamentos modernos, na época, para o abate e processamento de carne bovina. Hoje, o espaço fundado pelo expansionista português Antônio Nunes de Ribeiro Magalhães não é apenas lembrado por seu passado, mas também se tornou um ponto turístico e que faz a história acontecer nos dias atuais, servindo de palco para eventos culturais e atividades

de diversas áreas, além de contar com uma beleza natural que atrai a população local e visitantes. O espaço conta com a famosa Capela e o Teatro Santo Antônio, os quais foram restaurados no início dos anos 2000, pela Associação Pró-Santa Thereza, entidade que preside o local cedido pelo Governo Municipal. No entanto, para o projeto inicial do Centro Histórico ser finalizado, ainda resta a conclusão do Memorial da Charqueada, no qual será contada a história do local, assim como do Visconde de Ribeiro Magalhães.

Segundo a presidente da Associação, Marilu da Luz, a próxima ação da entidade será lançar um projeto para arrecadar recursos destinados à conclusão do museu, que receberá o nome ‘Cecê Móglia’ em homenagem à fundadora do Centro Histórico, Ierece Móglia. A escolha do nome, de acordo com ela, tem como objetivo homenagear tal personalidade, responsável pelo início da mobilização de restauração do local, há cerca de 20 anos. Apesar de ainda não detalhar como será feito e com que tipos de atividades contará a campanha, Ma-

rilu conta que a Associação pretende procurar apoio de parlamentares da região e que o lançamento do projeto está marcado para acontecer já no próximo mês. Quanto às obras no Memorial, a presidente da entidade também destaca que será mantido o projeto arquiteto Flávio Kiefer, o qual também foi responsável pelas obras de revitalização dos demais espaços do Centro Histórico. A nova estrutura, conforme Marilu, ficará localizada onde hoje está a sede da Associação e o Ponto Pampa Sem Fronteiras, que, por sua vez, devem ser realo-

As obras do Centro Histórico Vila de Santa Thereza começaram em 2006 e tiveram como um dos pontos altos a reconstrução do Teatro Santo Antônio, o qual, desde a sua reinauguração, serve como espaço para peças de teatro e projeções de cinema, sendo, inclusive, local de exibição para filmes do Festival Internacional de Cinema da Fronteira, evento que completou dez anos em 2018 e trouxe à Rainha da Fronteira nomes nacionais e internacionais da sétima arte. No entanto, a relação de Santa Thereza com o cinema é mais antiga, sendo o local conhecido como pioneiro na reprodução audiovisual na região, chegando a Bagé ainda no século XIX, transformando a Charqueada em palco para exibição de filmes aos trabalhadores e moradores da vila. Além disso, outra atividade que também se destaca na programação anual do Centro Histórico é a Festa do Folclore, ação que marca o Dia Nacional do Folclore, comemorado em 22 de agosto, com uma programação especial de atividades que contemplam o trabalho de artistas locais, entre músicos, dançarinos e atores, além de mateada, venda de pastéis, cartomante, benzedura e exposição de obras de artesãos da região.


04

Campo & Negócios

www.jornalminuano.com.br

BAGÉ, 21 DE FEVEREIRO DE 2019

Abertura da Colheita do Arroz no RS acontece hoje Hoje, ocorre a 29ª Abertura Oficial da Colheita do Arroz, na Estação Terras Baixas da Embrapa Clima Temperado, em Capão do Leão. O evento, além de destacar uma das principais culturas do Rio Grande do Sul, vai abrir espaço para o Fórum Mercadológico. No encontro, quatro painéis vão abordar as mais diversas temáticas para informar e atualizar os produtores das tendências de mercado, políticas e tecnológicas. No primeiro painel, o engenheiro agrônomo e jornalista Donário Lopes de Almeida vai falar sobre Agricultura 4.0 e os impactos da digitalização no campo. Logo após, o presidente da Federação das Associações de Arrozeiros do Rio Grande do Sul (Federarroz), Henrique Dornelles, o diretor executivo do Sindicato das Indústrias de Arroz do Estado (Sindarroz), Tiago Barata, e um representante da

Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), vão debater o Panorama no período comercial. Logo após, o economista-chefe do Sistema Farsul, Antônio da Luz, aborda a Economia do arroz. Finalizando o fórum, o exjogador de futebol Paulo César Tinga, que hoje atua como empreendedor, apresenta a palestra Gestão dinâmica no campo. Conforme Dornelles, o fórum vai explorar diversos temas com uma amplitude e diversificação de assuntos abordados, desde os aspectos de vanguarda da era digital e vai até a parte motivacional devido às grandes dificuldades que o setor vem enfrentando ora por problemas de preços, ora por problemas climáticos. “Essa abordagem motivacional tem por sentido de adoção de novas posturas para enfrentamento das crises. Não faltarão também os aspectos sobre a abordagem do governo,

qual a leitura dos novos planos agrícolas, da economia, para que o produtor não seja pego de surpresa por futuras tendências de futuros programas”, destaca, referindo-se à palestra da Economia do arroz. Além disso, de acordo com o presidente da Federarroz, serão abordadas as dificuldades do governo de intervenção no mercado em virtude da crise fiscal. “Não faltará o debate bastante simples e objetivo sobre o que ocorreu no último ano de comercialização, quais as tendências e o que tem se perpetuado nas nuances comerciais do arroz. Isso vai ajudar os produtores a se qualificarem para um novo ano que já se iniciou desafiador”, observa. A Abertura Oficial da Colheita será realizada até amanhã, com o tema “Matriz Produtiva: Atividade Diversificada, Renda Ampliada”. O evento conta com

Patrocínio Premium do Irga e Ministério da Agricultura, correalização da Embrapa e realização da Federarroz.

Setor encaminha reivindicações

Medidas que diminuam os custos de produção e a resolução de questões relativas ao Mercosul são duas das principais demandas que a cadeia produtiva orizícola está encaminhando à ministra da Agricultura, Tereza Cristina. Um documento foi previamente aprovado, em reunião da Câmara Setorial do Arroz ontem, em Capão do Leão. As manifestações serão entregues em até duas semanas. De acordo com o presidente da Câmara Setorial do Arroz, Daire Coutinho, a crise da lavoura orizícola provoca uma redução na área de pro-

dução do cereal. A dirigente também diz que a indústria enfrenta dificuldades com a carga tributária. “Além de elevada, é injusta”, afirma. A reunião da Câmara foi prestigiada pelo presidente da Federação das Associações dos Arrozeiros do Rio Grande do Sul (Federarroz), Henrique Dornelles. De acordo com ele, o cenário atual é diferente de todos os outros anos. Com a redução de oferta, os agricultores estão acompanhando preços nada remuneradores. Nesse contexto, Dornelles destaca que existe uma tendência de mudança do arroz para a soja. Apesar disso, o presidente salienta que a produção de arroz continuará sendo muito competitiva no Rio Grande do Sul. O presidente da Federarroz estima que o endividamento do setor seja de R$ 2,5 bilhões.

Selo Artesanal está sendo regulamentado, diz Mapa As secretarias de Inovação, Desenvolvimento Rural e Irrigação (SDI) e da Defesa Agropecuária (SDA) trabalham em conjunto com outros órgãos de governo e entidades na regulamentação de um selo que será criado para identificar alimentos artesanais. O assunto foi discutido nesta semana, durante a 2ª Reunião do Grupo de Trabalho de regulamentação do Selo Arte, que irá identificar e autorizar a comercialização interestadual de alimentos de origem animal produzidos de forma artesanal.

O secretário adjunto de Inovação, Pedro Corrêa Neto, disse que a regulamentação do Selo atende demanda dos produtores rurais e que “será uma ferramenta importante na agregação de valor”. Além disso, afirmou que o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento optou por regulamentar questões gerais por meio de Decreto e que os assuntos específicos para as cadeias serão tratados em normativas específicas. O secretário adjunto de Defesa, Fernando Mendes,

afirmou que o Mapa é parceiro na criação para garantir a inocuidade, sanidade, qualidade e identidade desses produtos. Afirmou também que o fortalecimento da interface com órgãos estaduais de defesa é uma das prioridades da nova gestão, “fundamental para o Sistema Unificação de Atenção a Sanidade Agropecuária (Suasa)”. O principal foco da reunião foi a elaboração da minuta de decreto, para regulamentar a Lei º 13.680/2018, que trata da fiscalização de

produtos de origem animal produzidos de forma artesanal. Na primeira reunião do GT, que ocorreu em dezembro, foi discutido o que é um alimento artesanal, os requisitos para que seja considerado artesanal e aspectos voltados à segurança sanitária, pontos fundamentais para a diferenciação no mercado. A regulamentação do Selo Arte visa dar ao consumidor segurança de que o processo de produção é realizado de forma artesanal, que respeita características e mé-

todos tradicionais ou regionais próprios, que atende às boas práticas agropecuárias e de fabricação e que tem segurança sanitária. A reunião teve a participação de técnicos do Mapa, das Câmaras Temáticas, Embrapa, Anvisa, Sebrae, Fórum Nacional dos Executores da Sanidade Agropecuária (Fonesa), Seagri/DF, Abraleite, Confederação Nacional da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA), Conselho Federal de Medicina Veterinária e Contag.


Fogo Cruzado

www.jornalminuano.com.br

BAGÉ, 21 DE FEVEREIRO DE 2019

“Mudanças do sistema previdenciário são necessárias e urgentes”, diz governador

Itamar Aguiar/Especial JM

felipelvalduga@gmail.com

Interino

05

Felipe Valduga

Antenor quer comandar o partido, em Bagé, na eleição de 2020

Em manifestação emitida ontem, à coluna, o vereador Antenor Teixeira, do Progressistas, relatou uma série de compromissos cumpridos na terça-feira, em Porto Alegre, junto ao deputado Frederico Antunes, de sua sigla e atual líder do governo gaúcho na Assembleia Legislativa, assim como junto ao presidente estadual da legenda, Celso Bernardi. Chamou a atenção que,

muito além de tratar de pautas destinadas ao seu mandato, o parlamentar bajeense oficializou, praticamente, a intenção de comandar o partido, na Rainha da Fronteira, a partir do ano que vem e, desse modo, conduzir as articulações durante o pleito eleitoral. De acordo com o próprio Teixeira, a convenção partidária deve ocorrer no maio próximo. Divulgação

“São R$ 12 bilhões anuais que a população gaúcha paga em impostos”, destacou Leite A nova proposta de reforma da Previdência elaborada pela União foi o principal tema da terceira edição do Fórum de Governadores, realizada ontem, no Centro Cultural Banco do Brasil (CCBB), em Brasília. Ao lado dos outros 26 chefes do Executivo do país, Eduardo Leite compareceu ao evento ao lado dos secretários da Fazenda, Marco Aurelio Santos Cardoso, e do Planejamento, Leany Lemos, bem como do procurador-geral do Estado, Eduardo Cunha da Costa. O governador, que já havia garantido apoio “incondicional” à reforma, reforçou o posicionamento de que mudanças do sistema previdenciário são necessárias e urgentes, especialmente no que diz respeito ao Regime Próprio de Previdência Social (RPPS) e à alíquota de contribuição dos servidores estaduais, para reduzir o efeito negativo das aposentadorias nas contas públicas. “O Rio Grande do Sul, que já tem a alíquota máxima estabelecida de 14% (na contribuição do funcionalismo), é deficiente em R$ 12 bilhões anuais. São R$

12 bilhões anuais que a população gaúcha paga em impostos, que deveriam voltar na prestação de serviços, em investimentos, segurança, educação, saúde, mas deixam de ser investidos nas necessidades dos gaúchos para sustentar um sistema previdenciário para o qual não houve contribuição suficiente para fazer frente à demanda que ele tem. Então, a possibilidade de uma contribuição extraordinária daria condições de o Estado aliviar esse déficit”, afirmou o governador após o encontro. O ministro da Economia, Paulo Guedes, comandou a apresentação do projeto e destacou que a concentração de poderes e recursos ao governo federal ao longo de quatro décadas trouxe problemas no âmbito econômico. “Governadores e o governo federal estão afogados pelas dívidas. Temos que reagir a isso e uma forma instantânea é um programa emergencial que estamos montando para antecipar recursos”, disse o ministro. Ainda de acordo com Guedes, a promoção de um pacto federativo descentralizando recursos por meio de reformas no país é o caminho para inverter

a pirâmide que concentra recursos nas mãos da União. De acordo com o texto entregue à Câmara dos Deputados, os funcionários públicos com faixa salarial acima do teto do INSS teriam descontos previdenciários em seus contracheques entre 12,86% a 16,79%. “(A mudança na Previdência) não vai conseguir resolver, porque, dos R$ 12 bilhões, a expectativa do RS não chega a 15% do que se poderia recolher com a contribuição extraordinária desse déficit. Mesmo assim, seria uma oportunidade de gerar uma receita para devolver à população em serviços o que está sendo canalizado para o sistema previdenciário”, completou Leite. Participaram do Fórum, também, o ministro-chefe da Casa Civil, Onyx Lorenzoni; o secretário especial de Previdência e Trabalho, Rogério Marinho; o secretário de Governo, general Carlos Alberto dos Santos Cruz; e os presidentes do Senado, Davi Alcolumbre, e da Câmara, Rodrigo Maia. Sugestões dos governadores serão acolhidas pela Secretaria de Governo e encaminhadas para análise da União.

Teixeira tratou do assunto com Celso Bernardi, presidente estadual da legenda

Em busca de emendas Após focar em agendas, na terça-feira, destinadas a dar celeridade na tramitação de questões envolvendo a retomada da construção da barragem da Arvorezinha, assim como dos voos regulares entre Bagé e Porto Alegre, a comitiva de Bagé liderada pelo prefeito Divaldo Lara destinou os compromissos de ontem para outra ação específica: obter o encaminhamento de emendas parlamentares. A lista de encontros, em parte, visou aportes para o setor de Saúde. Para tanto, conversas foram realizadas com deputados federais como Danrlei Hinterholz. Além disto, segundo relatou Divaldo, em seu perfil na rede social Facebook, ofícios foram entregues nos gabinetes dos deputados Mar-

cel Van Hattem, Maurício Dziedrick e Nereu Crispim. De mais concreto, porém, houve uma sinalização por parte do senador Luis Carlos Heinze, do Progressistas. Após receber a comitiva, em seu gabinete, ele teria mencionado que articularia a indicação de R$ 350 mil, via Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra), para a revitalização de estradas vicinais. “Também ficou encaminhado recursos para a Saúde, cujo montante será anunciado mais adiante”, postou o prefeito. Nas agendas de ontem, estiveram, junto ao prefeito, o presidente da Câmara, Carlos Adriano Esquerda Carneiro, e a vereadora Elidiane Lobato.


06

Empreendedor

www.jornalminuano.com.br

BAGÉ, 21 DE FEVEREIRO DE 2019

ANTÔNIO ROCHA

Líder Premium

A elegância social e esportiva da Líder Premium está com toda coleção de verão com preços e condições para aproveitar: 50% de desconto à vista; 30% de desconto parcelado em três vezes; 10% de desconto parcelado em seis vezes; camisetas a partir de R$ 30; polos a partir de R$ 40; bermudas a partir de R$ 65.

Mercado Restaurante

Super novidade: grelhados do mercado, com duas opções de carne para escolher (entrecot 200g, picanha 200g, cordeiro 250g), além de coração, salada, farofa e fritas por R$ 54. Peça no conforto da sua casa, através dos telefones 32428211 ou 991911093.

Lê Bistrô

O restaurante oferece, como acompanhamento para uma cerveja bem gelada, os petiscos para o fim de tarde: bolinho de peixe, croquete de siri e bolinho de queijo, todos feitos na hora e à prontaentrega. Pedidos através dos telefones 32424117 ou 999655522.

Fisioterapeuta Letícia Dachery

Folia está agendada para os dias 3 e 5 de março

Bagé Tênis Clube promove baile de Carnaval infanto-juvenil Um dos mais tradicionais clubes sociais da cidade abre as portas para as folias de Momo. Nos dias 3 e 5 de março, o Bagé Tênis Clube realiza o Baile Infanto-Juvenil de Carnaval. O clube abre espaço para sócios e não-sócios celebrarem a maior festa do país em família, em ambiente seguro e com muita diversão. Integrante da diretoria do clube, Paulo César Vieira explica que o baile, nos dois dias de realização, deve iniciar às 18h, com muita música e folia. Além disso, o Tênis vai realizar a distribuição de confete e serpentina para deixar a festa com

ainda mais cara de Carnaval. Os sócios têm entrada liberada, mas os não-sócios também podem participar, comprando o convite na secretaria do clube. Além das festas, o clube ainda oferece uma variedade de atividade e espaços de lazer. Além das três piscinas (adulto, infantil e para bebês), que funciona durante as altas temperaturas do verão, o clube também disponibiliza uma piscina térmica, com estrutura especial para comportar atividades até mesmo nos dias mais frios. De segunda à sexta-feira, o clube oferece aulas de natação, hidroginástica e pilates,

das 7h30min às 21h. Nas segundas, quartas e sábados, a partir das 15h, até as 22h, a sauna do espaço fica aberta para utilização. O clube também oferece, em sua estrutura, quadra de vôlei de areia, futebol e tênis, além de recreação para as crianças e churrasqueiras para sócios. Mais informações sobre convites para os bailes de carnaval e para aproveitar a piscina podem ser solicitadas através dos telefones (53) 32426142, 991498022 ou 999663748. O Bagé Tênis Clube está localizado na rua Narciso Suñe, 2.

Novo pacotão de verão: celulite off em dez sessões com endermo, ondas de choque e drenagem localizada à vista, por R$ 499, ou seis parcelas de R$ 100.

Aniversariantes Alexsander Guterres Ana Conceição Maciel de Azambuja Carolina Centeno Silva Cátia Godinho Cristiane da Rosa Ferreira Eloi Barros Élton Alves Rodrigues Fábio Moreira Fernanda Leite Gonçalves Franco da Silva Magnone Gilda Maria Vaz Munhoz Neves

Letícia Duarte Maria Neiva Vaz Huber Marilaine Gomes Figueiredo Nelson Guaraçu Noble Fagundes Rafael Lima Rosete Aparecida Kohn Sabrina Rodrigues de Quadros Susana Mara Oliveira da Silva Morales Teddy Willian Vieira Vilmar Fonseca Gomes

O jornal que Bagé gosta de ler


Cidade

www.jornalminuano.com.br

BAGÉ, 21 DE FEVEREIRO DE 2019

07

Sorteio de residenciais da Zona Norte acontece neste final de semana

A vida de 600 famílias deve começar a mudar neste final de semana. No sábado e domingo, serão realizados os sorteios das unidades dos residenciais Nª Sra. Auxiliadora e Sagrada Família, construídos através do programa Minha Casa Minha Vida. O sorteio das residências acontece a partir das 8h, no Ginásio Militão. O assunto foi tratado, ontem à tarde, no Salão Nobre da Prefeitura de Bagé. Participaram da mesa o coordenador de Habitação da Secretaria Municipal de Assistência Social, Habitação e Direitos do Idoso, Paulo Larrosa, secretário da Smasi, Ramão Bogado, a assistente social da secretaria, Regina Baldissera, o prefeito em exercício, Manoel Machado, além do empresário responsável pela construtora Dallé. Larrosa explicou que 2.450 mil pessoas devem participar do sorteio, que irá definir as 600 famílias para habitar os dois empreendimentos, além de uma lista com 30% deste número para compôr o cadastro reserva. O primeiro sorteio, que acontece no sábado, será para definir os 300 moradores do residencial Nª Sra. Auxiliadora (Espanha 2). Já no domingo, será a vez de definir os 300 nomes para o residencial Sagrada Família (Espanha 3). “Estamos

divulgando, também, a lista de inscritos para os residenciais, o número da sorte de cada um e qual o dia do sorteio a que devem comparecer”, explica. Além disso, Larrosa adiantou que dois ônibus estarão à disposição dos concorrentes que não têm como ir para o ginásio. Os dois veículos partem da frente da Prefeitura, na General Osório, um às 7h30 min e outro às 8h30min. A lista dos inscritos e o número para o sorteio estão à disposição no site da Prefeitura. Após o sorteio, a equipe da Coordenadoria de Habitação irá montar um dossiê das famílias com todos os documentos e informações e enviará à Caixa, que fará os cruzamentos de todos os dados, bem como a análise e divulgação da lista dos contemplados com as unidades

Construção adiantada

Já o empresário Luis Fernando Dalé, classificou como “maravilhoso” o programa Minha Casa Minha Vida, já que possibilita que as famílias de baixa renda adquiram imóvel próprio. Além disso, aproveitou a ocasião para atualizar os dados das obras dos empreendimentos.

De acordo com os dados apresentados, o residencial Nª Sra. Auxiliadora já está com 100% dos apartamentos concluídos na parte estrutural; 280 com instalações elétricas construídas; 284 com instalações hidráulicas; 236 com janelas colocadas, 179 com contrapiso, 120 com piso, azulejos e rodapés, 103 com forro da cozinha e banheiro colocados, 76 com pintura e textura, quatro torres com pintura externa concluída. A rede cloacal está 99% pronta, além de 87% da rede de esgoto pluvial, rede de abastecimento d’água 94% concluída, 94% da rede de abastecimento e 98% da pavimentação externa concluídas. Já o residencial Sagrada Família, está com 258 dos 300 apartamentos com parte estrutural pronta, 234 com instalações elétricas instaladas, 204 com a parte hidráulica pronta, 202 janelas instaladas, 157 com contrapiso pronto, 92 com piso, rodapés e azulejos, 86 com forro, 58 com texturas e pintura. O esgoto pluvial está com 81% pronto, 79% do esgoto pluvial, 80% da rede de água, 80% da pavimentação externa finalizada. O canteiro de obras conta, atualmente, com 110 trabalhadores próprios da Dallé Construtora envolvidos, além de 32 equipes de

ANTÔNIO ROCHA

Representantes do governo e da construtora atualizaram sobre a obra e explicaram como será o evento terceirizados, totalizando 220 funcionários em ação para finalização das 600 unidades. “Acredito que em

quatro ou cinco meses, dependendo das condições climáticas, seis meses, entregamos a obra”, destacou.

Machado projeta mais moradias De acordo com o prefeito em exercício, Manoel Machado, este é um dos momentos de maior alegria para a gestão municipal. “É uma conquista que nosso governo teve, de trazer um projeto habitacional desse tamanho para a cidade”, celebrou. Machado não descartou a possibilidade de garantir novos empreendimentos para Bagé, referindo-se ao projeto de outras 600 moradias apresentadas pela Dallé Construtora, que não foram contempladas com

recursos do Governo Federal. “Estes 600 apartamentos que ficaram para trás foram prometidos para nós. Tenho certeza que existe a possibilidade de novamente irmos ao Ministério das Cidades e dizer que os prazos foram cumpridos aqui; a secretaria (Smasi) fez seu trabalho e uma seleção bem feita, com sorteio dentro das regras do Ministério para estas 1.164 moradias que foram liberadas. E o crédito para mais 600 estará lá, à nossa disposição”, ressalta.


10

Cidade

www.jornalminuano.com.br

BAGÉ, 21 DE FEVEREIRO DE 2019

Cerca de 13 mil alunos da rede municipal de ensino voltam às aulas O primeiro dia de aulas da Rede Municipal de Educação, ontem, marcou o início do ano letivo para cerca de 13 mil alunos, em 61 escolas. Entre as instituições, a única que ainda não retomou suas atividades é a Escola Municipal de Ensino Fundamental (Emef) Fundacao Bidart, que voltará no dia 11 de março, em função da reforma da rede elétrica no prédio. Além disso, uma das novidades deste ano é a inauguração oficial da nova EMEI Dener Assunção Braz, que está prevista para acontecer na primeira semana de março. Para a secretária de Educação e Formação Profissional, Adriana Lara, o primeiro dia na escola é sempre um marco, tanto para os alunos como para os profissionais da educação. “Todo ciclo que começa tem sua marca no primeiro dia. Hoje (ontem) é o dia em que as expectativas estão altas. Por isso, desejo a cada aluno, a cada aluna da nossa rede que tenha um ano maravilhoso, cheio de aprendizados, descobertas e prazer em estar na escola. E que nossos professores e funcionários sejam muito bem acolhidos, respeitados, e que também tenham suas expectativas superadas. Bom ano letivo de 2019 a todos nós”, disse Adriana. No caso de uma das maiores instituições da rede, a Emef Antenor Gonçalves Pereira, por exemplo, o movimento já foi intenso no primeiro dia de aulas. O diretor Rafael Soares Alves conta que as aulas foram calmas e contaram com a presença da maioria dos 760 estudantes da escola. Após o término das aulas, Fabiana Paiva foi buscar sua filha Ana Luiza, de nove anos. Ela conta que se sente feliz em ver a menina voltando às aulas e reencontrando os colegas. “Ela tem uma turma na sala de aula desde o pré. Então, elas ficam esses dias em casa e sentem saudades

FOTOS Tiago Rolim de Moura

Movimentação foi intensa nas escolas umas das outras. É muito bom ver ela voltar”, declara.

Preparos

Durante os mês de janeiro e primeiras semanas de fevereiro, as escolas receberam reparos e melhorias. Na segunda-feira passada, gestores escolares participaram de reuniões e, todo o quadro de servidores da rede municipal de ensino participou do evento oficial de abertura do ano letivo. Nesta terça-feira, ocorreram atividades preparadas em cada escola e, ontem, os alunos foram recebidos desde cedo para mais um ano de estudos. “Nossa rede está superando metas e dificuldades com conquistas e novos desafios a cada ano. Um exemplo concreto foi o melhor resultado do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica alcançado nos últimos dez anos. Nos orgulhamos disto e, tenho certeza, que iremos além”, falou a secretária.

Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb). “Há um conjunto de ações que nos levam a buscar isto: pagamento do piso, escolas revitalizadas, merenda de qualidade, projetos como Antologia, Novo Mais Educação, Novo Rodarte, Núcleo de Apoio Pedagógico, atividades do Centro Educacional Melanie Granier, formações continuadas para professores, inspiração do Método Montessori, entre outras, tem sido alguns dos caminhos que têm nos levado a avanços significativos”, elencou.

Projeto pedagógico

Adriana também ressalta que há um projeto pedagógico que visa a crescente melhora da qualidade da educação bajeense, com os olhos focados anualmente na superação do Índice de

Fabiana foi buscar a filha após retorno aos estudos


Cidade

www.jornalminuano.com.br

BAGÉ, 21 DE FEVEREIRO DE 2019

11

Uber inicia cadastro para operação em Bagé e Uruguaiana Conseguir dinheiro ao toque de um botão. Essa é a oportunidade que a Uber traz para a região da Campanha gaúcha, conhecida pela produção de vinhos, pela Festa Internacional do Churrasco de Bagé, e para a Fronteira Oeste, que conta com a Califórnia da Canção Nativa de Uruguaiana. Desde terça-feira, 19, os interessados em dirigir como parceiros da Uber nos dois municípios, seja como complemento de renda ou como fonte principal, já podem se cadastrar pelo site uber.com/dirija. O cadastramento de motoristas é o primeiro passo do plano de expansão das operações da Uber na região. Motoristas já cadastrados no Rio Grande do Sul não precisam se cadastrar novamente. Os motoristas parceiros da Uber prestam o serviço de transporte remunerado privado individual de passageiros, que é previsto na Política Nacional de Mobilidade Urbana (Lei Federal 12.587/2012) e foi regulamentado em âmbito nacional pela Lei Federal 13.640/2018, sancionada após amplo debate no Congresso. A atividade, portanto, não depende de respaldo por regulação municipal, uma vez que a lei federal estabeleceu regras que devem ser cumpridas por todos os motoristas, como ter carteira de habilitação com indicação de atividade remunerada e passar por verificação

divulgação

de antecedentes criminais.

Como funciona?

Ser um motorista parceiro da Uber é para quem busca independência no dia a dia, sendo seu próprio chefe e escolhendo seus horários de trabalho. Hoje, já são mais de 600 mil motoristas parceiros que geram renda para si e suas famílias ao toque de um botão em todo o Brasil. Os interessados podem dirigir seus próprios carros, um carro de outra pessoa ou mesmo um veículo alugado. A Uber chegou há mais de três anos no Rio Grande do Sul, inicialmente em Porto Alegre, e hoje já está presente em toda a região metropolitana da capital, na região da serra e do litoral e em cidades como Pelotas, Rio Grande, Santa Cruz do Sul, Santa Maria, entre outras. No Brasil, a empresa está presente em mais de cem cidades - incluindo todas as capitais e grandes centros urbanos - com a missão de oferecer uma alternativa de mobilidade econômica, prática e confiável para a população.

Para se cadastrar

Para se cadastrar, basta acessar uber.com/dirija e fazer o cadastro.

Como é a segurança?

A plataforma conta com diversos recursos de tecnologia para auxiliar motoristas par-

Interessados podem se cadastrar desde terça-feira ceiros antes, durante e depois de cada viagem. Além disso os motoristas parceiros têm acesso ao suporte 24 horas e a uma cobertura de seguro durante as viagens para acidentes pessoais. Também são feitas verificações de informações pessoais por meio do cadastro de cartões bancários ou do CPF dos usuários, para criar um ambiente de segurança nas viagens. Antes de iniciar qualquer viagem, todos os usuários da Uber devem necessariamente se cadastrar na plataforma. É necessário inserir cartão de crédito, débito ou CPF antes de ter acesso ao aplicativo. A Uber utiliza a tecnologia para ocultar os números de telefone de usuários e motoristas, pois as informações de contato são confidenciais. Dessa forma, todas informações pessoais fi-

cam protegidas mesmo quando o motorista entra em contato com os usuários.

Navegação no app

Quando o usuário indica o local de destino, o motorista recebe instruções detalhadas no app. Assim, pode se concentrar mais no trânsito e dirigir com mais cuidado.

Sempre no mapa

Nenhuma viagem com a plataforma é anônima e todas são registradas por GPS. Assim, a plataforma sabe com quem o motorista parceiro está viajando e onde está indo, o que incentiva a segurança e responsabilidade. Além disso, motoristas parceiros podem, com um toque na tela do celular, com-

partilhar a sua localização, em tempo real, com familiares - sempre respeitando a privacidade dos usuários. O motorista avalia o usuário após cada viagem. O sistema da Uber mantém essas avaliações para que todos os usuários sejam tão educados quanto o motorista parceiro. Os usuários que forem denunciados por violarem os termos de serviço podem perder o acesso à plataforma da Uber. Os parceiros contam também com uma equipe de suporte que analisa todos os incidentes reportados, caso a caso. Isso inclui um número de telefone 0800 para registrar casos de emergência e solicitar apoio da Uber depois que estiverem em segurança e tiverem contatado as autoridades competentes.


www.jornalminuano.com.br

BAGÉ, 21 DE FEVEREIRO DE 2019

Deus Salve o Rei - GLOBO - 19h30min Catarina avisa a Virgílio que ele precisa se juntar ao grupo e descobrir o que eles pretendem. Cássio comunica aos participantes que o plano é sequestrar Rodolfo e fazê-lo renunciar em favor de Afonso. Afonso e Amália presenciam os guardas fechando a loja de Virgílio por falta de comprovante de pagamento do alvará. Romero faz um discurso na academia em prol da lealdade ao rei. Afonso e Amália são surpreendidos por Virgílio no local da reunião.

Horóscopo

O Outro Lado do Paraíso - GLOBO - 21h Sophia sela um acordo com Zé Victor. Lívia confessa a Gael que teme que algo tenha acontecido a Mariano. Amaro revela a Estela que há uma possibilidade de recuperar a visão, e exige que Sophia custeie sua operação. Beth revela a Henrique que teme não se recuperar a tempo de fazer a doação para Adriana. Nicolau faz o teste de compatibilidade com Adriana, mas o resultado é negativo. Juvenal pede Desirée em casamento. Mercedes abençoa Lívia e afirma que ela terá uma grande surpresa. Zé Victor inventa para Gael que Mariano fugiu e ele confronta Sophia.

ÁRIES Verdades aparecem, mas estas provavelmente vêm carregadas de exagero. Cuidado para não reagir intempestivamente, cabe averiguar as fontes e questionar os pontos de vista.

TOURO

Um dia esquisito para você, que pode se enrolar nos seus próprios rolos, inclusive financeiros. Olhe honestamente para essa parte de você que não está sendo honesta com os outros.

GÊMEOS É conversando que as pessoas se (des)entendem. Talvez fosse melhor evitar discussões, mas talvez não dê, porque as pessoas, que não estão entendendo que você quer, se impõem.

CÂNCER Hoje mesmo é que não dá para depender dos outros, porque as pessoas tendem a estar concentradas em seus próprios interesses. Talvez tenha que voltar atrás ou se desculpar por algo.

LEÃO Ideias sobram, mas as dificuldades e o trabalho também. Evite ficar se queixando, faça o que pode com o que está ao alcance. Aliás, é um dia péssimo para ser dono(a) da verdade.

VIRGEM As pessoas podem tirar você do sério, mas você não precisa reagir. Até porque você tende a interpretar as coisas como maiores do que realmente são. Continue aprofundando seu entendimento.

LIBRA

Mesmo que os atos contradigam o que as pessoas afirmam, é um péssimo dia para fazer cobranças. Se todos soubessem o que se passa dentro dos outros, ninguém se relacionaria.

ESCORPIÃO Um pouco de pragmatismo vai bem, por mais que a tendência seja a esperar mais do que o que está disponível. Mas a bola tem que continuar rolando, então trate de se articular melhor.

SAGITÁRIO A lua em Sagitário já deixa você mais sensível; ainda mais hoje, que você não tem mais saco para quem só enrola ou não é honesto. porém, nem por isso deixe de medir seus atos e palavras.

CAPRICÓRNIO Uma situação que requer inteligência emocional; se não a tem, melhor não se meter. É que por mais que você manobre, não param de aparecer arestas, o que pode irritar bastante.

AQUÁRIO Seria ideal manter o espírito de grupo, mas nem você está colaborando muito para isso. Evite reuniões, e no que diz respeito aos seus ideais, seja mais realista, pelo menos por enquanto.

PEIXES Ampliam-se um pouco as perspectivas no trabalho com algum aceno positivo. Mas averigue as condições para ver o quanto vale. Chefes e estrelas estão mais caprichosos hoje.

Loterias

Novelas

Orgulho e Paixão - GLOBO - 18h30min Nicoletta questiona Elisabeta sobre a acusação de Susana. Darcy e Ernesto conseguem abrir uma nova passagem nos escombros. Ema defende Elisabeta das acusações de Susana. Uirapuru inventa para Lídia que é apaixonado por ela e Mariana da mesma forma. Luccino avisa a Fani sobre o acidente de Ernesto e lamenta a rigidez da irmã. Rômulo pede Cecília em casamento. Vicente e os operários se incomodam com Elisabeta, e Brandão pede que a moça se contenha. Ernesto e Darcy se ajudam na movimentação sob os escombros da ferrovia. Ema conta para Elisabeta que descobriu que Jorge está apaixonado por ela. Com a revelação, Ema questiona o que sente por Jorge. Aurélio chega à casa de Jorge. Fani reza por Ernesto.

Palavras Cruzadas

Edibar

12

Lazer

FEDERAL

LOTOFÁCIL

LOTOMANIA

Sorteio: 05271

Sorteio: 1644

Sorteio: 1854

02 03 04 05 06

00 04 20 24 32 33 35 37 60 61 65 67 69 72 84 88 90 91 96 99

1º prêmio 2º prêmio 3º prêmio 4º prêmio 5º prêmio -

49946 19609 35291 30940 26697

07 08 09 11 13 15 18 22 23 24

DUPLA-SENA

MEGA-SENA

QUINA

Sorteio: 1772

Sorteio: 2027

Sorteio: 4645

11 15 29 37 39 44

03 12 33 54 71

1º- 09 16 17 20 30 50 2º- 03 07 08 14 15 38


Cidade

www.jornalminuano.com.br

BAGÉ, 21 DE FEVEREIRO DE 2019

Prefeitura formaliza apoio ao carnaval do Galo do Meio-Dia A Secretaria de Cultura e Turismo (Secult) formalizou, na segunda-feira, durante reunião com entidades carnavalescas, apoio do Governo Municipal para o tradicional evento do Galo Caixeiro do Meio-Dia, que desfilará pela avenida Sete de Setembro no dia 2 de março. Na reunião, a secretária da pasta, Anacarla Flores, confirmou apoio logístico, com cordas de delimitação de espaços, banheiros químicos, cavaletes

para sinalização de ruas, além de servidores para garantir suporte à “descida” pela avenida Sete de Setembro. Porém, como utilizará material da Prefeitura e contará com atuação da Polícia Civil e Brigada Militar, é necessário um documento oficial assinado pelo prefeito Divaldo Lara, decretando como oficial ao evento, o que deve acontecer quando o Chefe do Executivo retornar de agendas em Brasília. “Visando uma melhor orANTÔNIO ROCHA

Tradicional desfile pela Sete de Setembro acontece no dia 2 de março

ganização e primando pela segurança dos foliões, decidimos oficializar este evento tradicional da cidade que conta com a participação de muitos bajeenses, entre crianças, idosos e famílias inteiras que desfilam com muita alegrial”, explicou Anacarla. O prefeito também se manifestou sobre a medida. “Foi necessário investir o dinheiro que seria do desfile noturno competitivo na recuperação de estradas rurais, mas não poderíamos deixar de apoiar o Carnaval do Meio-Dia, que é sem custos para o município. Vamos colaborar com a estrutura que já temos e contar com um grande público comemorando e participando de uma das maiores expressões culturais brasileiras”, ressaltou. Além do Galo Caixeiro, atração principal da folia do dia 2, também devem desfilar integrantes da Escola de Samba Aliança, Se Colá Colô, Os Gatões, Mimosas no Jacaré, Bloco da Matriz, Carnabloco e Projeto Independente.

13

Cartório Eleitoral divulga prazo para regularização do título Está disponível no Cartório Eleitoral e no site do Tribunal Superior Eleitoral, a relação de eleitores que deixaram de votar nas três últimas eleições, cujas inscrições deverão ser canceladas. Para evitar o cancelamento, o eleitor que deixou de votar ou justificar nas três últimas eleições deverá comparecer ao Cartório Eleitoral, na rua Marechal Deodoro, 274, até o dia 6 de maio

para pagamento da multa correspondente ou comprovar que justificou a ausência. O horário de atendimento do Cartório até 1º de março será de segunda a quinta-feira, das 13h às 19h e, nas sextas, das 9h às 15h. Na Quarta de Cinzas, funcionará das 14h às 19h. A partir do dia 7 de março, o atendimento normaliza, de segunda a sexta-feira, das 12h às 19h. ANTÔNIO ROCHA

Atendimento normaliza a partir de 7 de março


14

Segurança

www.jornalminuano.com.br

BAGÉ, 21 DE FEVEREIRO DE 2019

Jovens são assaltados Policiais e agentes penitenciários na Padre Abílio poderão se aposentar aos 55 anos Sponchiado

Dois homens, de 22 e 26 anos, foram vítimas de assalto por volta das 22h20min de terça-feira, na avenida Padre Abílio Sponchiado. Segundo o registro, eles contaram que uma motocicleta cor vermelha parou próximo à

dupla e o carona desceu, com um revólver em punho, e anunciou se tratar de um assalto. Consta que os criminosos levaram as mochilas dos jovens, contendo documentos, roupas, R$ 275 em dinheiro e um telefone celular.

PRF registra acidente na BR-153 Na manhã de terça-feira, por volta das 10h, a Polícia Rodoviária Federal (PRF) encontrou o veículo Vectra Hatch, cor prata, placas FWI 1212, acidentado junto ao

KM 603 da BR-153. Conforme o registro, o veículo constava como furtado e estava abandonado junto à via, no interior de Bagé.

Óbitos OSVALDO RESENDE LEITE, 92 anos, carpinteiro aposentado, viúvo. Residia na rua Reverndo Guimarães. Deixa os filhos Maria Berenice, Mara Cleonice e Norma Lice.

Os policiais civis, federais, agentes penitenciários e socioeducativos se aposentarão aos 55 anos pela proposta de reforma da Previdência enviada, ontem, ao Congresso Nacional. A idade valerá tanto para homens como para mulheres. Os tempos de contribuição, no entanto, serão diferenciados para homens e mulheres. As informações são da Agência Brasil. Os agentes e policiais masculinos precisarão ter 30 anos de contribuição, sendo 25 anos para as mulheres. A proposta também prevê tempo mínimo de serviço de 20 anos para policiais homens e agentes homens e mulheres e 15

anos para policiais mulheres. Progressivamente, o tempo de exercício progredirá para 25 anos para homens e 20 anos para mulheres nos dois cargos (agente e policiais). Atualmente, os policiais não têm idade mínima, com tempo mínimo de contribuição de 30 anos para homens e 25 anos para mulheres. O tempo mínimo de serviço exigido corresponde a 20 anos para homens e 15 anos para mulheres.

Aposentadorias especiais

Os agentes penitenciários e socioeducativos não estão submetidos a aposentadorias

especiais. A proposta não contempla os policiais militares e bombeiros. Atualmente submetido a regras especiais definidas pelos estados, eles passarão a ser regidos pelas mesmas regras de aposentadorias das Forças Armadas.

Forças Armadas

Segundo o Ministério da Economia, o projeto de lei que regula as aposentadorias e pensões das Forças Armadas está sendo finalizado e será enviado ao Congresso nas próximas semanas. A proposta de reforma da Previdência está sendo detalhada no Ministério da Economia.

Familiar de bebê que morreu contesta informações do Conselho Tutelar A irmã da mãe da bebê, de um mês e 12 dias, que morreu na tarde de segunda-feira, em decorrência de asfixia por conteúdo lácteo, entrou em contato com a reportagem do Minuano, ontem, para contestar as informações feitas no registro da ocorrência efetuado pelo Conselho Tutelar. Segundo ela, as informações repassadas à Delegacia de Polícia de Pronto Atendimento (DPPA) foram inadequadas. “Acreditamos que foi de forma

equivocada, pois a avó não falou que a bebê tinha se afogado ao amamentar e os hematomas que elas visualizaram eram livores (representa a mudança de coloração que surge na pele dos cadáveres, decorrente do depósito do sangue estagnado pela ação da gravidade, nas partes mais baixas do corpo, e que indicam sua posição original), que foi atestado depois, na necropsia”, mencionou. A mulher também relatou que a bebê sofria de refluxo e

que a sua irmã, mãe da menina, é menor de idade, tem apenas 17 anos, e está muito nervosa. “Tememos pela integridade física dela, pois ela se culpa muito”, ressaltou. Também à reportagem, ela adiantou que pretende levar tais dados à Polícia Civil, que abriu investigação sobre o óbito. “Iremos ver o que faremos depois. Já conversamos com a Defensoria sobre algumas situações que aconteceram e vamos tomar providências”, concluiu.

Brigada Militar recupera veículo furtado Agentes da Brigada Militar recuperaram, na madrugada de ontem, na avenida Marechal Floriano, um veículo Ford Ka, ano 2006, que havia sido furtado. Segundo os policiais mili-

tares, de posse de informações sobre um veículo que havia fugido de um local de acidente, os agentes realizaram buscas, o localizando próximo à Cohab. Em consulta ao sistema,

foi constatado que o referido automóvel encontrava-se na situação de furto. O fato foi registrado na Delegacia de Polícia de Pronto Atendimento (DPPA) e o veículo foi recolhido ao depósito.


Esporte

www.jornalminuano.com.br

BAGÉ, 21 DE FEVEREIRO DE 2019

Yuri Cougo Dias

yuricougodias@gmail.com

Guarany confirma primeiro jogo-treino da temporada Com menos de duas semanas de pré-temporada, o Guarany já tem seu primeiro teste da fase preparatória para a Terceirona. Da mesma forma que o Bagé, o alvirrubro fará um jogo-treino contra o União da ASM, de Sant’Ana do Livramento, neste sábado, às 16h, no estádio Antônio Magalhães Rossell. No próximo final de semana, a equipe do técnico Vanderson Pereira deve fazer outro preparatório. Depois, mais dois amistosos contra equipes profissionais, antes da estreia contra o 12 Horas, que deve ocorrer na segunda quinzena de março. Conforme o treinador alvirrubro, o confronto servirá para uma avaliação do grupo de jogadores. Somente a partir disso que poderá decidir quais os acréscimos necessários e as dispensas que poderão ser feitas. Cabe salientar que, com o tempo, o clube acertará com jogadores que atuam na Divisão de Acesso, um deles já tem contrato firmado: o atacante Andrei, que veste a camisa do Inter de Santa Maria. Ele se apresenta quando encerrar a participação do clube no campeonato. Nos bastidores, cogita-se a vinda do goleiro Anderson, ex-Guarany e que disputa a série A, pelo Veranópolis. Outro nome que circula nos corredores é o do atacante Dimitry, do São Luiz, também na elite do futebol gaúcho. Segundo Pereira, o segundo ob-

FOTOS TIAGO ROLIM DE MOURA

Grupo foi apresentado no dia 11 de fevereiro jetivo do jogo-treino é “soltar” a musculatura dos jogadores, visto que os últimos treinamentos foram concentrados na parte física. “Para a terceira semana, planejaremos investir na potência dos jogadores. Na quarta, ênfase na parte técnica e tática para que,

na véspera da estreia, possamos focar apenas nos ajustes. Quando iniciamos o trabalho, alguns jogadores estavam fora do padrão. Por isso, primeiro buscamos a equivalência. Nossa ideia é trabalhar com o grupo de 23, 24 atletas”, destaca.

Vanderson pereira projeta mais três testes antes da estreia

Há 59 anos, Calvet estreava em solo santista

Um dos maiores nomes da história do futebol bajeense, Raul Donazar Calvet estreava no Santos há 59 anos, completados na segunda-feira. Conforme publicação no site oficial do Peixe, com 25 anos, Calvet fez sua primeira apresentação no dia 18 de fevereiro de 1960, no empate em 3 a 3 com o Sporting Cristal, no estádio Nacional de Lima, no Peru. Revelado pelo Guarany, Calvet tinha saído do Grêmio para jogar como quarto-zagueiro, ao lado do central Mauro Ramos de Oliveira. Pelo alvinegro paulista, o bajeense atuou em 217 partidas, entre 1960 e 1964, e marcou um gol. Ele também fez 11 partidas pela seleção brasileira.

REpRODUçãO/JM

Quarto-zagueiro foi revelado pelo Guarany

Grêmio dos Subtenentes e Sargentos promove torneios de verão

O Grêmio dos Subtenentes e Sargentos de Bagé abriu inscrições para duas disputas. No futebol, a organização fará o 1º Torneio de “Na Trave”, domingo, a partir das 9h, com categorias infantil (até 12 anos), adulto e “pai e filho”. O valor é R$ 10 por atleta. As submissões podem ser feitas até a data do evento. E o outro é o 2º Torneio de Vôlei de Areia, nas categorias duplas masculinas e femininas (A e B), mista e quarteto misto. O valor é R$ 15 por participante. Neste, as inscrições estarão abertas até sexta-feira. Para submissões e mais detalhes, o telefone é (53) 3241 5388.

15


16

Contracapa

BAGÉ, 21 DE FEVEREIRO DE 2019

www.jornalminuano.com.br

ESA abre inscrições para concurso público de admissão Tiago Rolim de Moura

Bagé será uma das cidades que sediará as provas Ontem, dia 20, o Departamento de Ensino e Cultura do Exército Brasileiro, através da Escola de Sargentos das Armas, abriu o período de inscrições para o concurso público de admissão aos cursos de Formação e

Graduação de Sargentos das áreas geral/aviação, música e saúde; que terão início em fevereiro de 2020. O edital foi publicado na terça-feira, no Diário Oficial da União. No total, serão 1.100 vagas para todo o país.

Podem participar do concurso as pessoas brasileiras natas ou naturalizadas, que tenham concluído o ensino médio ou que estejam no último ano desse nível escolar, desde que o concluam até a matrícula do curso. É

preciso ter entre 17 e 24 anos para a área Geral/Aviação; e entre 17 e 26 anos para as áreas de Música e Saúde. No caso de homens, é preciso ter altura mínima de 1,60 m. Para as mulheres, a altura mínima é de 1,55 m.

As inscrições estão abertas até o dia 20 de março e devem ser feitas através do site da ESA: www. esa.eb.mil.br, por meio da ficha de inscrição. Além disso, é necessário pagar a Guia de Recolhimento da União - GRU, no valor de R$ 95,00. O candidato poderá solicitar a isenção do pagamento. Todas as orientações e esclarecimentos relacionados ao processo estão disponíveis no Manual do Candidato, que pode ser acessado no mesmo site. Do total de 1.100 vagas disponíveis, 1.000 são destinadas para a área Geral/Aviação, das quais 900 são para homens e 100 para mulheres. Outras 60 vagas são exclusivas para a área de Música, dentro da qual há 11 categorias de instrumentos musicais, discriminadas no edital. As outras 40 vagas são para a área de Saúde. No Rio Grande do Sul, os exames serão aplicados em Bagé, Cruz Alta, Pelotas, Porto Alegre, Santa Maria, Santiago e Uruguaiana. A condução do Concurso de Admissão é responsabilidade da ESA. Posteriormente, os Cursos de Formação e Graduação de Sargentos serão realizados em dois períodos de instrução, em outras organizações militares. O 6º Regimento de Cavalaria Blindado, de Alegrete, será o único do Rio Grande do Sul a fazer parte do período básico da formação, com duração de 48 semanas. Logo após, o período de qualificação também tem duração de 48 semanas. Confira outras informações no edital, disponível na versão on-line desta reportagem, no site do Jornal MINUANO.

Profile for Jornal Minuano

20190221  

20190221  

Advertisement