Page 1

jornalminuano.com.br BAGÉ, quinta-feira, 12 de julho de 2018 - ANO XXIV Nº 5 979 | R$ 2,00

RECONHECIMENTO

ASSEMBLEIA HOMENAGEIA GESTÃO DA URCAMP O parlamento gaúcho reservou um espaço de sua agenda de ontem para destacar a atual gestão da Universidade da Região da Campanha. A homenagem foi conferida através da entrega da medalha da 54ª Legislatura da Assembleia para a reitora Lia Maria Herzer Quintana.

Pág. 13

ELEIÇÃO

Cartórios locais aguardam nomeação de mesários

POLÍTICA

Bajeense é pré-candidato ao governo do Tocantins

Proximidade de novo pleito também motivou início de manutenção das urnas eletrônicas

César Roberto Simoni de Freitas, do PSL, conta com apoio do presidenciável Bolsonaro

Pág. 3

Pág. 5

Previsão do tempo

2ºC

12ºC

ABASTECIMENTO SEGURANÇA

GUARANY

Menor é flagrado com maconha dentro de escola

Disputa direta pela vaga ao Acesso começa hoje

Ministério das Relações Exteriores solicitou avaliação para verificar infraestrutura necessária

Adolescente de 14 anos foi apreendido após denúncia sobre tráfico ser passada à polícia

Jogo válido pela fase semifinal contra o Farroupilha inicia às 15h, no Estádio Nicolau Fico

Pág. 5

Pág. 14

Pág. 15

Uruguai aceita pedido para fornecer água na Serrilhada

EMPREENDEDOR - Ouro e Prata destaca funcionalidades do aplicativo “Minha Viagem”

Pág. 6


02

Opinião

www.jornalminuano.com.br

BAGÉ, 12 DE JULHO DE 2018

Editorial

redacaominuano@gmail.com www.jornalminuano.com.br

Reconhecimento à gestão

Uma atuação dedicada não apenas a recuperar, mas transformar e garantir o futuro de um dos principais patrimônios da Rainha da Fronteira foi, efetivamente reconhecida, ontem, por parte do parlamento gaúcho. A medalha pela 54ª Legislatura da Assembleia do Rio Grande do Sul, entregue à reitora da Universidade da Região da Campanha, Lia Maria Herzer Quintana, possui um significado que vai muito além de um título para agraciar uma personalidade. Representa o destaque a resultados reais que fizeram com que a instituição de Ensino Superior mais antiga de Bagé se reerguesse e encontrasse possibilidades não apenas para se manter, mas para se aperfeiçoar. Não é uma questão de discurso, é uma simples análise de fatos. Há pouco mais de uma década, o cenário era extremamente distinto do visualizado na atualidade. E sem mencionar erros do passado, até porque não vem ao caso, mas o fato é que, em tal época, dívidas consideradas impagáveis quase colocaram fim numa trajetória responsável por profissionalizar a grande maioria de quem buscou a graduação, e até mesmo o Ensino Médio, não só em Bagé, mas em toda a região. A situação, na época, era preocupante de tal modo que uma verdadeira mobilização, política e popular, desencadeou ações destinadas a viabilizar uma solução. Tudo para evitar que a principal universidade da Rainha da Fronteira, assim como seus campi espalhados por outras cidades da Metade Sul, fechasse as portas. Alguns podem até não recordar, mas foi essa mesma que resultou, tempos depois, no anúncio, por

parte do então presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, na criação da Unipampa. A definição, apesar de não ocasionar, diretamente, um auxílio para a Urcamp, por outro lado, motivou a implantação de medidas paralelas. Exemplos foram as compras de bolsas de estudo, assim como parcerias que permitiram, à instituição, abater passivos em troca de seu principal bem: o conhecimento. Mas isso foi apenas o começo. Desde que Lia assumiu o comando da instituição, o empenho, não só dela, mas de toda uma equipe, de forma coletiva, em prol da Urcamp, se ampliou. De tal modo que, na atualidade, é possível afirmar que a recuperação se confirma a cada dia. Óbvio que um longo caminho ainda há pela frente. Mas dívidas foram negociadas e, mesmo diante de suas proporções, os pagamentos vêm sendo honrados. O processo de gestão foi aprimorado, de tal modo que, hoje, a instituição vem colhendo resultados cada vez mais positivos. Isso possibilitou, por exemplo, que a universidade pudesse modernizar suas estruturas – o que qualquer um pode perceber em uma simples visita aos campi da instituição –, oferecer cada vez mais graduações e, também, extensões e pós-graduações. Enfim, levou a instituição a um novo momento, uma realidade bem diferente da identificada anteriormente. É por isso que o reconhecimento concedido à reitora, ontem, se apresenta como muito superior a um fato simbólico. Até porque, quem contribui para o bem e para o futuro consolidado de um patrimônio que é de Bagé e da região é e sempre será merecedor de méritos.

FAT - Jornal Minuano | CNPJ: 87415725/0012-81 Endereço: Rua Brigadeiro Mércio, 72 - CEP 96400.720 - Bagé/RS Telefones: Redação (53) 3242-7693 - Assinaturas 3241-6377 www.jornalminuano.com.br | redacaominuano@gmail.com | facebook.com/jornalminuanobage

GERENTE COMERCIAL Adriana Robaina

EDITOR-CHEFE Felipe Valduga

Editor assistente - Sidimar Rostan • Reportagem - Viviane Becker - Cláudio Falcão - Melissa Louçan - Jaqueline Muza - Rochele Barbosa - Daiane Lima - Augustho Soares (estagiário) • Chargista - Cláudio Falcão • Repórter fotográfico - Antônio Rocha - Tiago Rolim de Moura • Diagramação - Luís Mário Pereira - Daniel Cuerda Ferreira • Revisão - Cristiani Martins de Souza • Assistente comercial Angelina Britto • Vendedores - Dulce Dias - Fabrício Becker • Distribuição - Marcos Goulart • Administrativo - Lidiane Selaje Marques • Colaboradores - José Carlos Teixeira Giorgis - Marcelo Teixeira - José Artur M. Maruri dos Santos - Norberto Dutra - Airton Gusmão - Dilce Helena dos Santos - Fernando Risch - João L. Roschildt • Impressão - Gráfica UMA (Grupo RBS) - Porto Alegre/RS Laboratório FACOS

Coordenador do Curso de Comunicação Social

Glauber Pereira

Os artigos assinados não refletem, necessariamente, a posição do jornal. Por isso, a editoria não se responsabiliza pelas opiniões emitidas.

João L. Roschildt

joaoroschildt.jornalminuano@outlook.com

Mal educados

Há uma espécie de antipatia simpatizante com 100 anos de existência e que é exatamente nas estruturas determinados atos humanos. No limite, é como se na tradicionais preservadas que se encontra a base para o aversão houvesse uma atração. Um drama não pode ser florescimento humano? Por qual razão a tradição é ruim? mais representativo sobre isso: há um desejo viciante em Se o professor não é uma autoridade em seu ambiente de conhecer a desgraça alheia, por mais que não se deseje trabalho, quem é? O coletivo dos “alunos” que só representa os que não desejam estudar? tal infortúnio. Um grande modismo educacional é mencionar Algo semelhante ocorre com as pichações. Mesmo que os olhos tentem se esquivar, é impossível não olhar que avaliações não mensuram a capacidade do aluno. de soslaio. A despeito de certa indiferença social face à Há toda uma movimentação global em prol de prátipredominância desses rabiscos nas paredes, ainda é difí- cas inovadoras que busquem outras formas de avaliar cil não notar o que não deveria estar ali. Instintivamente, um aluno, que não uma prova ou teste, levando-se em consideração que cada aluno tem seus limio olho busca o que polui a alma para purificar o tes e tempo de aprendizado. E os resultados intelecto. educacionais caóticos em avaliações inAqueles que forem a Pelotas podem ternacionais estão à disposição para se ter o desprazer de verificar como esse ...o olho compreender essa realidade. Ora, mas culto ao horrendo é algo dominante em busca o que prova não avalia nada, não é? Sobre alguns espaços. Na fachada do Instituto esse tema, o ex-ministro da Educação de Ciências Humanas (ICH) da UFPel polui a alma e Ciência de Portugal (2011-2015), e imediações, há um verdadeiro espepara purificar Nuno Crato, responsável por um salto táculo de cores com mensagens atrelade qualidade no desempenho dos aludas a ideologias bem conhecidas: alguo intelecto nos no Pisa (exame internacional de edumas defendem o aborto e a legalização cação), disse: “A avaliação deve ser vista da maconha, ao passo que outras pedem como algo que ajuda todos a melhorar, que a saída do presidente Temer e dizem “Lula, estabelece critérios mais uniformes e ajuda todos ladrão, roubou meu coração”. É aquela mesmice bem conhecida. Próximo ao ICH, nos muros do Colé- a ter objetivos e a ultrapassá-los”. Ainda reforçou Crato gio Estadual Félix da Cunha, encontra-se algo um pouco que “ao longo da vida, estamos frequentemente a ser mais “elaborado”. Estão gravadas com spray as seguin- avaliados. E quanto mais cedo aprendermos a lidar com tes mensagens: “não a tradição” (sem crase); “escola não a avaliação, mais fácil nos será progredir”. Ou seja, os ensina”; “prova não avalia”; e “professor não é autorida- testes lidam com estímulos para o progresso intelectude”. Universitários e estudantes secundaristas unidos em al. Sem eles, há uma tendência à acomodação e à não compreensão das agruras da vida. prol de uma sociedade melhor e mais educada? Mas uma pichação no colégio acertou seu alvo, Reparem que o desejo “estudantil” é de destruição dos pilares que formaram o ensino ocidental. Quando mesmo que por vias tortas: “a escola não ensina”. Correalgum “estudante” defende o fim da tradição, será que to! Esse não deixa de ser um dos motivos porque temos ele tem conhecimento que aquela escola tem mais de secundaristas e universitários pichando.

Professor do curso de Direito da Urcamp

Cláudio Falcão

Charge Florêncio e a homenagem

falcaobage58@gmail.com


Cidade

www.jornalminuano.com.br

BAGÉ, 12 DE JULHO DE 2018

Cartórios Eleitorais se preparam para pleito de outubro

03

Clarisse Ismério lança livro pela EdiUrcamp fotos Chrystian Ribeiro/Ascom

fotos Tiago Rolim de Moura

Obra é uma releitura da dissertação de mestrado da autora A noite de terça-feira foi de lançamento do livro “Mulher: a moral e o imaginário”, da professora e coordenadora do curso de História da Urcamp, Clarisse Ismério. No saguão da instituição, colegas e amigos foram prestigiar a escritora no lançamento de seu terceiro livro. Entre carinhos e autógrafos, ela falou sobre o conteúdo da obra, um relançamento de sua dissertação de mestrado em 1995, onde relata, em pesquisa, o achatamento cultural e profissional imposto às mulheres pela doutrina positivista no Rio Grande do Sul, entre os anos de 1889 e 1930. “Foi uma época em que a mulher se tornou a rainha do lar”, justifica a professora.

Ribeiro é responsável pela 7ª Zona Eleitoral As 7ª e 142ª zonas eleitorais, que abrangem os municípios de Bagé, Aceguá, Hulha Negra e Candiota, estão se preparando para o pleito de outubro. Os chefes de cartório aguardam a publicação dos editais, pelo Tribunal Superior Eleitoral, para a convocação dos mesários. Além disso, no momento, os equipamentos estão recebendo manutenção. Segundo o chefe do cartório da 7ª Zona Eleitoral, Renato da Silva Ribeiro, as convocações devem sair até a próxima semana e, a partir daí, as pessoas irão receber as notificações em casa. Somente em seu cartório são 147 sessões em Bagé e 12 em Aceguá. Para cada uma, são convocados quatro eleitores, nomeados por meio de edital. A juíza Naira Melkis Pereira Caminha responde pelo cartório. Na 142ª Zona Eleitoral, conforme a chefe substituta do cartório, Antônia Albanus, são 121 urnas em Bagé, 26 em Candiota e 17 em Hulha Negra, sendo Ricardo Pereira o juiz responsável.

Equipamentos estão recebendo manutenção As mesas receptoras são formadas por presidente, primeiro e segundo mesários e um secretário. A partir da publicação do edital, todos ficam automaticamente intimados a comparecerem no dia do pleito, às 7h, na seção que irão trabalhar. Antes disso, os presidentes e primeiros mesários também estão convocados para comparecerem ao treinamento presencial. A 7ª Zona realiza o treinamento na segunda quinzena de setembro, já a 142ª fará os treinamentos no dia 10 de setembro, em Can-

diota e Hulha Negra, e de 12 a 14 de setembro em Bagé. “Caso haja algum impedimento legal, o convocado deve comparecer nos cartórios e solicitar a dispensa, que é fornecida pelo juiz eleitoral responsável”, informa. Cabe aos membros das mesas receptoras organizar os trabalhos das seções eleitorais do início da votação no dia 7 de outubro, a partir das 8h até as 17h. Mesmo horário do dia 28 de outubro, se ocorrer o segundo turno. A mesa receptora recebe o eleitor, colhe e confere a assinatura e libera a urna para o voto. Na seção eleitoral, o presidente é a autoridade máxima, responsável pelo sigilo do voto de cada eleitor e pela tranquilidade da votação, além de zelar pela segurança da urna eletrônica durante todo o processo.

Urnas eletrônicas

Urnas ficam armazenadas, aguardando implantação do sistema

Segundo Ribeiro, as urnas eletrônicas da 7ª Zona estão recebendo manutenção para, posteriormente, após a finalização do registro dos candidatos, ser implantado o programa no sistema, o que deve acontecer no final de setembro. Após a finalização, os equipamentos da 142ª Zona Eleitoral também irão passar pelo serviço.

“Foi uma época em que a mulher se tornou a rainha do lar”, conta a professora A obra se esgotou um ano após seu lançamento e, há tempos, o meio acadêmico solicitava uma releitura, com um novo lançamento, pois o livrou já conta com 95 citações em artigos científicos no Brasil e no México. A obra, que também serve como referência na biblioteca complementar do curso de História, foi editada pela EdiUrcamp, que é própria da Urcamp, e tem a professora Ana Cláudia Hüber como editora. Clarisse Ismério é doutora em História do Brasil e integra o quadro docente da universidade desde 2005.


04

Campo & Negócios

www.jornalminuano.com.br

BAGÉ, 12 DE JULHO DE 2018

Médias sinalizam Vinícolas têm até hoje aquecimento do para inscrever amostras mercado pecuário em avaliação nacional Arquivo JM

Projeção é positiva para o segundo semestre O mercado para a pecuária no País, no segundo semestre, deve ter venda em alta com preços remuneratórios e médias satisfatórias para os vendedores de gado. A avaliação é do leiloeiro e diretor da Trajano Silva Remates, Marcelo Silva, com base na observação do comportamento do mercado nos eventos realizados nos últimos meses, que estão demonstrando um aquecimento de mercado para quem tem qualidade genética para vender. Segundo Silva, um exemplo foi o último leilão virtual GAP Brasil, que teve liquidez e médias acima das esperadas, o que deve se refletir na próxima temporada de primavera da pecuária gaúcha. “Estamos encarando com muito otimismo as vendas de primavera, haja vista os resultados que vêm acontecendo nos leilões no Centro do País e também em remates com participação de animais do Rio Grande do Sul, como foi o leilão da GAP, com médias satisfatórias. Teremos uma comercialização franca desde que a qualidade e apresentação dos animais esteja à altura”, observa.

Outra questão que pode puxar a alta nas vendas é a exportação de gado em pé. Conforme o dirigente da Trajano Silva Remates, regiões mais ao Norte do País, além de Argentina e Uruguai, estão aumentando suas exportações para o mercado externo, especialmente o Oriente Médio. “O Uruguai, por exemplo, vem quebrando recordes na exportação de gado em pé. Isto é uma coisa que veio para ficar, pois os compradores do Oriente Médio não têm de onde mais buscar carne de qualidade, e isto não vai ter interrupção de fluxo”, analisa. Entretanto, as restrições que estão sendo avaliadas por governos após pressão de ONGs podem prejudicar este mercado ao produtor. Em São Paulo, por exemplo, já está tramitando a proibição de exportação de animais vivos. Já no Rio Grande do Sul, o tema vem sendo debatido e gerando controvérsias. “Esta é uma questão temporária de ajuste, considerando que tem gente que não conhece a realidade brasileira, e esta falta de informação vai acabar quebrando a economia”, destaca Silva.

A Associação Brasileira de Enologia (ABE) estendeu até hoje o prazo para que vinícolas brasileiras inscrevam suas amostras na Avaliação Nacional de Vinhos – Safra 2018. Mais importante evento do setor vitivinícola brasileiro, reconhecido por enólogos e formadores de opinião do mundo inteiro, a avaliação é o espelho da qualidade e diversidade da produção nacional. Este ano, com uma safra de grande desempenho, entre as melhores de todos os tempos, a expectativa é grande. O presidente da ABE, enólo-

go Edegar Scortegagna, acredita que o mercado vai poder degustar vinhos brancos e tintos, além de espumantes de alto nível de qualidade. “A natureza fez a sua parte e os enólogos brasileiros entraram em ação, contribuindo com conhecimento e sensibilidade. Acreditamos que esta avaliação será um espetáculo de grandes vinhos”, destaca. As vinícolas podem inscrever vinhos de variedades vitis vinífera, secos, 100% varietais, da safra 2018, pertencentes a um lote representativo de pelo menos 4 mil litros. Esta é a primeira etapa da

avaliação. A perspectiva dos organizadores é que a 26ª Avaliação Nacional de Vinhos reúna amostras de diversas regiões produtoras do País, evidenciando a pluralidade de estilos geradas pelos variados terroirs. Em 25 safras, a Avaliação Nacional já apreciou 5.857 amostras e reuniu 16.367 degustadores. O evento é reconhecido por sua proximidade com a cadeia produtiva da uva e do vinho, contribuindo para que a produção do vinho brasileiro evolua em qualidade, tecnologia e reconhecimento.

Mais de 80 sindicatos rurais do Rio Grande do Sul estiveram presentes em assembleia extraordinária do Conselho de Representantes, realizada pela Farsul, na segunda-feira. Na pauta estavam as comissões técnicas e o processo de interiorização da federação, entre outros assuntos. Já à noite, aconteceu um encontro com deputados estaduais identificados com ações do Sistema Farsul, que debateram sobre o atual momento do Estado. O novo regulamento das comissões técnicas da Farsul foi aprovado pelos presentes na assembleia. A reestruturação atende a reivindicação dos sindicatos rurais durante o processo de interiorização do Sistema Farsul, realizado entre os me-

ses de fevereiro e abril deste ano. Agora, os sindicatos rurais devem indicar um representante e um suplente para integrarem cada comissão que atenda a vocação regional do sindicato. Também poderão sugerir a criação de novas comissões no caso da produção não estar sendo atendida pelas atuais. Durante a Assembleia, também foi apresentado um relatório completo da interiorização do Sistema Farsul, com as demandas regionais e as ações que já estão sendo implantadas pelas entidades. A reativação do programa Sindicato Forte é uma delas e visa a formação de lideranças e análise da possibilidade de prestação de serviços pelos sindicatos.

Os representantes sindicais e a diretoria da federação também participaram de um jantar com 14 deputados estaduais que possuem posições alinhadas com as da Farsul. As finanças públicas do Rio Grande do Sul foram o tema principal das discussões, tendo como base um trabalho elaborado pela Assessoria Econômica do Sistema Farsul. Também foi entregue aos parlamentares e participantes da reunião uma agenda legislativa elaborada pela Assessoria Parlamentar do Sistema Farsul, visando o acompanhamento dos projetos de lei de interesse dos produtores rurais e indicando o posicionamento da Farsul em relação a cada projeto.

A Emater/RS-Ascar realizou, na semana passada, em Bagé, uma oficina de panificados para produtoras rurais da localidade de Pedra Grande, no distrito de Palmas. A atividade foi desenvolvida na Escola Líbio Vinhas e teve como objetivo promover a segurança e sobera-

nia alimentar das famílias rurais, integrando escola e comunidade. A oficina foi ministrada pela extensionista social do Escritório Municipal da Emater/RS-Ascar de Bagé, Ana Rosa Sonáglio, que apresentou receitas culinárias com ingredientes locais da agricultura

familiar, como o pão de batata recheado com temperinho, requeijão e queijo caseiro, e croissant recheado com goiabada caseira. “A ideia é sensibilizar as mulheres e valorizar os produtos oriundos da propriedade, elaborando alimentos saudáveis e diversificados”, disse.

Farsul realiza assembleia geral e reunião com parlamentares

Incentivo à panificação no meio rural


Fogo Cruzado

www.jornalminuano.com.br

BAGÉ, 12 DE JULHO DE 2018

Bajeense conta com apoio de Bolsonaro para disputar governo de Tocantins

Pré-candidato ao governo do Estado de Tocantins, pelo PSL, o bajeense César Roberto Simoni de Freitas, conta com o apoio do pré-candidato à presidência, Jair Bolsonaro, para a disputa do pleito de outubro. Freitas exerceu o cargo de agente da Polícia Federal em Brasília, foi promotor de Justiça do Tocantins por 25 anos e secretário de Segurança Pública do Estado entre 2015 e 2018. O pré-candidato do PSL integrou o governo de Marcelo Miranda, do MDB, que teve mandato cassado por arrecadação ilícita de recursos para a campanha de 2014. Em entrevista ao Jornal Opção, Simoni afirmou não acreditar que sua imagem possa ser vinculada à gestão do ex-governador porque não era filiado a nenhuma legenda e não discutia partidarismo. O nome do bajeense entrou no cenário político, como alternativa para a disputa ao governo, após debate realizado na Câmara dos Depu-

Reprodução JM

@sidimarrostan sidimar_frostan@hotmail.com

05

Sidimar Rostan

Homenagem a Luís Simão Kalil avança no Legislativo

Presidenciável gravou vídeo ao lado de Simoni tados, quando manifestou posição especificamente, o pleito de outucontrária ao Estatuto do Desarma- bro. Mauro Carlesse, do PHS, foi mento. Em junho, Bolsonaro, que eleito, no segundo turno, em um também é filiado ao PSL, recebeu o processo histórico, marcado pelo bajeense, em seu gabinete, em Brasí- volume de votos brancos e de abslia, e gravou um vídeo declarando tenções, que totalizou 52% do eleiapoio ao pré-candidato do partido. torado. Ao Jornal Opção, o bajeenSimoni não disputou a elei- se avaliou o resultado como a deção suplementar realizada em ju- monstração do descontentamento nho, justificando que havia se filia- dos tocantinenses com os grupos do ao partido em abril, visando, políticos estabelecidos no Estado.

A Comissão de Constituição, Justiça e Redação Final da Câmara de Bagé aprovou a proposta que denomina de Luís Simão Kalil a Unidade Básica de Saúde (UBS) - Estratégia Saúde da Família localizada no bairro Ivone. O Legislativo não tem prazo para votar a proposta em plenário.

A vereadora Sonia Leite, do Progressistas, que apresentou a matéria, argumenta que Kalil foi diretor do Centro Cirúrgico e da Santa Casa de Caridade de Bagé. O ex-prefeito de Bagé, que faleceu em 2013, foi vereador e presidente da Câmara. A progressista destaca, ainda, que ele foi escritor e patrono da Feira do Livro.

Governo uruguaio aceita pedido para fornecer água à Serrilhada Reprodução JM

Ex-prefeito e ex-presidente da Câmara de Bagé têm direitos políticos suspensos Em nota divulgada ontem, o Ministério Público informou que a ação civil pública por atos de improbidade administrativa contra o ex-prefeito de Bagé, Luís Eduardo Dudu Colombo dos Santos, e o ex-presidente da Câmara de Vereadores, Silvio Nunes Machado, por prática de nepotismo, transitou em julgado. Dudu e Machado, portanto, têm suspensos os direitos políticos por três anos. Eles não poderão concorrer ou

mesmo votar durante esse período. Conforme a ação ajuizada pelo Ministério Público (MP), em 2012, ainda durante a gestão de Dudu, o então prefeito nomeou parentes do presidente da Câmara como cargos de confiança no Executivo. Com o trânsito em julgado da ação, divulgado, ontem, pelo MP, Dudu e Machado deverão pagar multa e estão proibidos de contratar com o poder público ou receber incentivos fiscais.

A nota divulgada pelo Ministério Público destaca que não há mais possibilidade de recurso. Dudu afirma, porém, que sua defesa ainda estuda as medidas cabíveis. “Estamos cientes de que não incorremos em situação que configuraria nepotismo cruzado. Tudo foi feito dentro da legalidade”, declarou. Até o fechamento desta edição, a redação não havia conseguido contato com Silvio Machado.

Senado aprova projeto que aumenta potência das rádios comunitárias

O projeto de lei que aumenta a potência de transmissão para rádios comunitárias, aprovado pelo Senado, na terça-feira, será avaliado, agora, pela Câmara dos Deputados. A proposta determina aumento da potência para até 150 watts, com altura irradiante não superior a 30 metros e possibilidade de acesso a

dois canais específicos em nível nacional para as emissoras em frequência modulada. O autor do projeto, senador Hélio José, do Pros do Distrito Federal, argumenta que o aumento da potência é necessário devido à grande diversidade geográfica do Brasil. Para ele, 25 watts são insu-

ficientes para operação nas áreas de população esparsa, particularmente na zona rural. Caberá à Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) estabelecer a potência autorizada para cada rádio comunitária para preservar a característica da cobertura restrita do serviço.

Localidade não dispõe do serviço em solo brasileiro O governo do Uruguai concordou com o pedido do Brasil para fornecer água potável para a região da Serrilhada, na divisa de Bagé com Dom Pedrito e o Departamento de Rivera. A solicitação foi formalizada em maio, após reunião realizada na Rainha da Fronteira. O Ministério das Relações Exteriores do Uruguai solicitou uma avaliação para verificar se haveria a infraestrutura necessária para garantir o abastecimento. Em entrevista ao jornal El Observador, o engenheiro da OSE (Obras Sanitarias del Estado, empresa pública que administra o sistema de abastecimento de água), Pablo Decoud,

afirmou que a resposta da estatal foi positiva. A demanda, agora, será debatida no parlamento uruguaio, que deverá autorizar o Executivo a realizar o abastecimento de água. Reportagem do El Observador destaca, ainda, que a Constituição do Uruguai prevê este tipo de abastecimento. O abastecimento no lado brasileiro da localidade da Serrilhada é um problema histórico, retratado pelo Jornal MINUANO, em reportagens especiais, desde 2014. Cerca de 50 famílias moram na localidade que não dispõe de sistema de abastecimento de água.


06

Empreendedor

www.jornalminuano.com.br

BAGÉ, 12 DE JULHO DE 2018

Antônio Rocha

Don Juan Moda Homem

Até o dia 31 de julho, as peças em tricot estão com 30% de desconto nas compras à vista ou 15% em até seis vezes nos cartões. A loja está localizada na avenida Sete de Setembro, 783. Reprodução

Pop Rock

JM

Ouça a programação da rádio onde e quando quiser. Para isto, basta baixar o aplicativo da Pop Rock Bagé 98.1 FM direto no site.

Donna de Si

O inverno só termina em setembro, mas a liquidação de fim de estação já começou na Donna De Si. Essa é uma boa opção de compras para quem pensa em renovar o guarda-roupa, com descontos de 30% em casacos, blusões, jaquetas e calças.

Assinatura Econômica Jornal MINUANO

Aplicativo permite compartilhar localização em tempo real e entretenimento, além de oferecer informações sobre serviços da cidade de destino

APP está disponível para Android e iOS

Conheça as principais funcionalidades do “Minha Viagem” da Viação Ouro e Prata

Quem viaja de ônibus com a Viação Ouro e Prata tem, agora, ainda mais vantagens. Com o APP Ouro e Prata +, o cliente tem acesso a um catálogo com mais de 30 opções de filmes, além de informações importantes sobre a sua viagem (desde a cidade de partida até o destino final) – tudo pensado para o passageiro viajar bem.

Entre as principais funcionalidades do “Minha Viagem”, disponível no APP, estão: compartilhar a viagem, com localização em tempo real com amigos e familiares através da ferramenta de compartilhamento, dicas de hotéis e restaurantes da cidade destino, pontos de táxi mais próximos da área de desembarque e previsão do

tempo em tempo real. A empresa disponibiliza um vídeo com o passo a passo de utilização das funcionalidades, disponíveis no site da empresa. É muito mais facilidade, segurança e praticidade para as viagens. O aplicativo pode ser baixado no site e está disponível para Android e iOS.

Empresa é vencedora do Prêmio Despoluir Durante a 20ª edição da Transposul (Feira e Congresso de Transportes e Logística), que aconteceu no final de junho, em Bento Gonçalves, as empresas que se destacaram na adoção de medidas sustentáveis em relação à emissão de poluentes foram apresentadas ao público. Entre elas, a Viação Ouro e Prata, agraciada na catego-

ria Transporte de Passageiros, no segmento de longo curso (com mais de 150 veículos). O Prêmio Gaúcho Despoluir, que integrou a programação do Congresso, é uma iniciativa da Confederação Nacional do Transporte (CNT), do Serviço Social do Transporte (SEST) e do Serviço Nacional de Aprendizagem do Transporte (SENAT).

Uma superoportunidade de ter todos os dias as notícias mais completas da cidade. Com a promoção, as mensalidades das assinaturas custam a partir de R$ 30, com desconto proporcional ao tempo de assinatura, ou seja, quanto mais tempo, maior o desconto. Além disso, os assinantes recebem o Minuano Card, que disponibiliza descontos exclusivos, de 5% a 50%, em diversos segmentos. Para mais informações, o setor de assinaturas pode ser contatado através dos telefones (53) 3241-6377 e 99920-0368.

Saúde Total

A Saúde Total Produtos Naturais, em parceria com a Network Cronometragem, traz a Bagé um evento com diversas atividades que visam reunir o público que tem ou deseja adquirir hábitos saudáveis. O evento contará com uma corrida de 4 quilômetros, no dia 22 de julho, às 10h, em frente à loja, na avenida Tupy Silveira, 1407. As inscrições, com custo de R$ 5, podem ser feitas pelo site www.cronometraeventos.com.br

Aniversariantes Adão da Rosa Dias Ceres de Souza Clarinda Cardoso de Oliveira Cláudia Fabiana Amaral de Quadros Danusa Viana dos Santos Denise Mendes Tarouco Brondani Elda Gonçalves Elda Maria Portela Gomes Eliziane Paz Deble Salim George Teixeira Giorgis Filho Ieda Previtali Luciane Aparecida Nunes Maria Mendes Tarouco Mel Dalé

Nilza Tadeu Pedro Guilain Tadeu Raul Campos Garcia Feijó Stéfani Alves Luiz Yasmim Rodrigues Vidart Zulma Izaura da Cunha

Yasmim Rodrigues, filha de Luiz Fabiano e Patrícia


Cidade

www.jornalminuano.com.br

BAGÉ, 12 DE JULHO DE 2018

Soberanas divulgam quarta edição da Colônia em Festa

Antônio Rocha

Rafaela, Kely e Cárem apresentam evento Na tarde de ontem, as soberanas da quarta edição da Colônia em Festa de Candiota visitaram a redação do Jornal MINUANO divulgando o evento, agendado para ocorrer entre os dias 28 e 29 de julho, no Assentamento Roça Nova. A rainha, Kely Monteiro, 16 anos, junto a 1ª e 2ª princesa, Cárem Santos, 18 anos, e Rafaela Monteiro, 19 anos, respectivamente, apresentaram a programação do evento, que inicia no dia 28 de ju-

lho, com o Futsal da Colônia, no ginásio da Escola Santa Izabel. Já no dia 29, as atividades são retomadas com um culto ecumênico, a partir das 9h, na Ceppa. Às 10h, o palco abre espaço para os artistas regionais apresentarem as cantorias. Após almoço com churrasco, os visitantes poderão participar do bingo colonial, às 14h, e, em seguida, da principal atração da festa: o café colonial, com itens como queijos, cucas e pães produzidos pelas

integrantes da Associação de Mulheres Feirantes e Artesãs. São elas, também, as responsáveis pelos estandes da feira, onde, além das iguarias coloniais, serão expostas peças artesanais produzidas por elas. Após ato oficial e homenagens, o evento encerra com a domingueira festiva, com a banda Longa Metragem. A festa é uma ação das secretarias de Turismo e Agropecuária de Candiota, com patrocínio da Engie.

07

Bagé sedia 7º Encontro de Gestores do Turismo na sexta-feira Os integrantes dos conselhos setorial e de governança do Turismo do Pampa estarão reunidos, amanhã, durante o 7º Encontro de Gestores do Turismo, no salão nobre da Prefeitura de Bagé. Na pauta de debate, estarão as alterações no Plano Nacional de Turismo e qualificação aos gestores para integrar o Mapa do Turismo. Integrante da Associação Pampa Gaúcho de Turismo, Rosa Alice Salles explica que foram convidados gestores de 10 municípios que integram a região Pampa de turismo, como Aceguá, Bagé, Dom Pedrito, Candiota, Caçapava do Sul, Hulha Negra, Lavras do Sul, Pinheiro Machado, Pedras Altas e Santana da Boa Vista. Realizada periodicamente, a atividade tem como objetivo debater e esclarecer os critérios e exigências para formatação do novo Mapa do Turismo. “É uma forma de garantir a qualificação para que os gestores tenham tempo hábil até 2019 para se adequar às alterações e participarem do novo Mapa de Turismo do Brasil, garantindo, assim, captação de recursos para os municípios interessados em desenvolver este setor”, destaca ela. A atividade começa às 9h30min, com as inscrições para o evento. Em seguida, às 10h30min,

acontece a apresentação da governança do pampa e sua missão, com representantes da Apatur. A sequência fica por conta da apresentação das cidades, com roteiros atrativos e eventos. À tarde, após o almoço, as atividades retornam com o debate “A participação do poder público na governança regional”, com participação da turismóloga Cristina Feijó, da Secretaria de Estado da Cultura, Turismo, Esporte e Lazer do RS (Sedactel). Em seguida, a turismóloga da Associação Brasileira de Bacharéis em Turismo (ABBTUR), Rita Michelon, abre a pauta sobre o Plano Nacional de Turismo, esclarecendo as dúvidas dos gestores participantes. O Sebrae, um dos apoiadores do evento, também participa da pauta com palestra sobre o “Desenvolvimento Turístico para o Pampa Gaúcho”, ministrada por consultoras do serviço. No final do evento, a presidente da Apatur, Sandra Telles, divulga a Feira do Alto Camaquã, que acontece no próximo mês, além de apresentar dados sobre o Turismo Rural Gaúcho. O evento é uma realização da Apatur em parceria com a Sedactel e prefeitura e conta com apoio da Urcamp, ABBTUR, Sebrae, Obino Hotel, Senac e Fenícia Hotel.


08

www.jornalminuano.com.br

BAGÉ, 12 DE JULHO DE 2018

BAGÉ, 12 DE JULHO DE 2018

VIVIANE

09

Becker

viviminuano@hotmail.com

Isadora Carneiro na Oficina de Matrioskas da Lolli

Daniele e Carlos Eduardo Malaman dos Santos junto do irmão, Gabriel, festejaram o aniversário da caçula, Bianca, com uma superfesta noite do pijama na LolliCreative

Tailana e Tatiana de Vargas Ollé e Renata Lindemann Duarte no jantar que marcou os 21 anos da Casa da Menina (Foto Rosane Coutinho)

Paulo Antônio Bandeira Parera com a mamãe, Roberta

Adriana Wild e Valentina no jantar em homenagem aos 21 anos Casa da Menina (Foto Rosane Coutinho)

João Pedro comemorou 6 aninhos no Megateen, recebendo o carinho da mamãe, Vanessa Moreira (Foto Gleider Ayres)

Maitê Daher Collares Araújo cheia de charme no evento da Lolli

Rafaela Colman de Mello e Giovanna de Sousa Monteiro

Rebeca Paz Deble Kalil Salim também adorou produzir arte na LolliCreative

Amanda Luiz Coutinho, filha de Jéssica e Afonso, completa um aninho no dia 17, parabéns!


10

Cidade

www.jornalminuano.com.br

BAGÉ, 12 DE JULHO DE 2018

Museu da Gravura Brasileira Mostra Arte na Hidráulica abre hoje divulga atividades para celebrar Deividi Leonel / Especial JM

Doze pinturas expõem detalhes da estrutura revitalizada Em comemoração ao aniversário da rainha da Fronteira, o Departamento de Água, Arroios e Esgoto de Bagé (Daeb) promove, hoje, a abertura da mostra Arte na Hidráulica. A exposição, com entrada franca, apresentará as doze obras produzidas por artistas da cidade, que reproduziram, em forma de pintura, o patrimônio da Hidráulica revitalizada e os seus históricos jardins. Rejane Karam, Heloísa Beckman, Jussara Casarin, Norma Vasconcellos, Franciel Lucca, Leonor Garcia, Amélia Terezinha Pinheiro, Deli Germano, Lola Rodriguez, Márcia Brum, Bernadete Nicoloso e Lúcia Gomes são os pintores participantes.

Na ocasião, também será lançada a revista “Arte na Hidráulica”, que, nesta primeira edição, traz poemas do grupo Cultura Sul, todos com a temática da água e ilustrados por fotos das telas que estarão na mostra. Os textos são de Sarita Barros, Ada Maria Machado Guimarães, Gladis Veloso Deble, Maria Conceição Rosa dos Santos, Elvira Nascimento, Norma Vasconcellos, Rafaela Ribas, Sheila Corrêa e Sônia Alcalde. O projeto Arte na Hidráulica, em parceria com a Casa de Cultura Pedro Wayne, busca oferecer alternativas de arte e cultura no espaço do Memorial da Água e no entorno do prédio da Hidráulica.

aniversário de Bagé

Iniciada durante a Semana Nacional de Museus, em maio, a exposição Grupo de Bagé – O que nos conecta?, permanece disponível para visitação no Museu da Gravura Brasileira, mantido pela Fundação Attila Taborda/Urcamp, até o final de julho. Integrante da comissão gestora de museus, Carmen Barros explica que a mostra traz uma seleção de pinturas, acrílicas, gravuras, litogravuras e serigrafias dos quatro artistas bajeenses, expoentes na arte brasileira: Danúbio Gonçalves, Glauco Rodrigues, Glênio Bianchetti e Carlos Scliar. “Esta exposição nos convida a refletir sobre o que nos conecta de verdade, o que conecta o grupo à cidade de Bagé atualmente”, destaca Carmen. As obras podem ser visitadas de terça a sexta-feira, das 15h30min às 19h30min. Além disso, o acervo de trabalhos do Grupo da Gravura de Bagé do Museu da Gravura da FAT/Urcamp está exposto na Casa de Cultura Pedro Wayne, durante o mês de aniversário da cidade, berço dos artistas destacados. São xilogravuras e linoleogravuras produzidas entre 1946 e 1959.

fotos Arquivo JM

Obras permanecem disponíveis para visitação até final de julho


Cidade

www.jornalminuano.com.br

BAGÉ, 12 DE JULHO DE 2018

11

Mostra apresenta fotos Comissão organizadora da de Bagé no século 20 Semana Farroupilha define cavalgada e concurso de prendas

Arquivo JM

Uma reunião realizada na segunda-feira, no Palacete Pedro Osório, definiu detalhes para a realização da Semana Farroupilha em Bagé. A tradicional cavalgada será realizada pela Associação de Cavalarianos Rainha da Fronteira e Associação de Cavalarianos de Candiota, cujos membros irão em busca da centelha em São Gabriel. Além disso, a partir do dia 18 de julho, estarão abertas as inscrições para o concurso de prendas. De acordo com o presidente da comissão organizadora, Orsay Azambuja (Xirú), a chama oficial deste ano será acesa entre 9 e 12 de agosto, em Iraí, mas a centelha da região será trazida de São Gabriel. O grupo parte de Bagé no dia 30 de agosto, colhe a chama no dia 5 de setembro e retorna, por Candiota e Hulha Negra, chegando à Rainha da Fronteira em 13 de setembro.

Concurso As candidatas que irão concorrer à prenda devem se inscrever na Secretaria Municipal de Cultura e Turismo (Secult). As jovens podem representar CTGs, piquetes, grupos tradicionalistas e escolas.

Arquivo JM

Fotos permanecem no local até o final de julho

Próximo encontro está agendado para o dia 23 deste mês As encarregadas do concurso são: Caterine Brose, Magda Berny, Amanda Dellabary, Carmem Bueno e Elza do Couto.

Mormo Segundo o presidente da comissão organizadora dos festejos, no próximo encontro, que deve ser realizado no dia 23, será definido o cronograma do desfile farroupilha e como será tratada a situação do mormo, anemia e influenza equi-

na. A comissão organizadora definitiva do evento também será escolhida na ocasião.

Gineteadas Azambuja informa que, no dia 22 de julho, será realizada uma gineteada no Parque do Gaúcho, em comemoração aos 207 anos de Bagé. As inscrições podem ser realizadas na Secretaria do Parque e na Secult. “Cerca de 40 ginetes já estão inscritos”, comenta.

A companhia de teatro Bufões da Rainha, em parceria com a Leb Livraria e Cafeteria, está realizando uma mostra fotográfica com um acervo de imagens do município do século 20. A exposição conta com 14 imagens. De acordo com o responsável pelo acervo, Sávio Machado, as fotos estão sendo arquivadas há 15 anos e auxiliam na valorização e resgate da história da cidade nestes 207 anos. “O material é de domínio público e começamos a guardar na fundação do grupo”, comenta. Machado ressalta que, no interior da Leb, os clientes e visitan-

tes irão encontrar as imagens que retratam a antiga Bagé do século 20, onde aparecem os prédios, as ruas, as praças, as pessoas e os eventos que formaram a identidade da Rainha da Fronteira. A Leb ainda abriga o projeto Arte na Vitrine, com participação do fotógrafo bajeense Édison Larronda, ilustrando o fragmento do poema “Colégio dos Padres, Colégio das Freiras”, de Ernesto Wayne. Conforme o proprietário da livraria, Richarles Nogueira, o espaço é cultural e a parceria com o Bufões traz um pouco da história da cidade e valoriza e resgata o patrimônio.


www.jornalminuano.com.br

BAGÉ, 12 DE JULHO DE 2018

Deus Salve o Rei - GLOBO - 19h30min Catarina avisa a Virgílio que ele precisa se juntar ao grupo e descobrir o que eles pretendem. Cássio comunica aos participantes que o plano é sequestrar Rodolfo e fazê-lo renunciar em favor de Afonso. Afonso e Amália presenciam os guardas fechando a loja de Virgílio por falta de comprovante de pagamento do alvará. Romero faz um discurso na academia em prol da lealdade ao rei. Afonso e Amália são surpreendidos por Virgílio no local da reunião.

Horóscopo

O Outro Lado do Paraíso - GLOBO - 21h Sophia sela um acordo com Zé Victor. Lívia confessa a Gael que teme que algo tenha acontecido a Mariano. Amaro revela a Estela que há uma possibilidade de recuperar a visão, e exige que Sophia custeie sua operação. Beth revela a Henrique que teme não se recuperar a tempo de fazer a doação para Adriana. Nicolau faz o teste de compatibilidade com Adriana, mas o resultado é negativo. Juvenal pede Desirée em casamento. Mercedes abençoa Lívia e afirma que ela terá uma grande surpresa. Zé Victor inventa para Gael que Mariano fugiu e ele confronta Sophia.

ÁRIES Verdades aparecem, mas estas provavelmente vêm carregadas de exagero. Cuidado para não reagir intempestivamente, cabe averiguar as fontes e questionar os pontos de vista.

TOURO

Um dia esquisito para você, que pode se enrolar nos seus próprios rolos, inclusive financeiros. Olhe honestamente para essa parte de você que não está sendo honesta com os outros.

GÊMEOS É conversando que as pessoas se (des)entendem. Talvez fosse melhor evitar discussões, mas talvez não dê, porque as pessoas, que não estão entendendo que você quer, se impõem.

CÂNCER Hoje mesmo é que não dá para depender dos outros, porque as pessoas tendem a estar concentradas em seus próprios interesses. Talvez tenha que voltar atrás ou se desculpar por algo.

LEÃO Ideias sobram, mas as dificuldades e o trabalho também. Evite ficar se queixando, faça o que pode com o que está ao alcance. Aliás, é um dia péssimo para ser dono(a) da verdade.

VIRGEM As pessoas podem tirar você do sério, mas você não precisa reagir. Até porque você tende a interpretar as coisas como maiores do que realmente são. Continue aprofundando seu entendimento.

LIBRA

Mesmo que os atos contradigam o que as pessoas afirmam, é um péssimo dia para fazer cobranças. Se todos soubessem o que se passa dentro dos outros, ninguém se relacionaria.

ESCORPIÃO Um pouco de pragmatismo vai bem, por mais que a tendência seja a esperar mais do que o que está disponível. Mas a bola tem que continuar rolando, então trate de se articular melhor.

SAGITÁRIO A lua em Sagitário já deixa você mais sensível; ainda mais hoje, que você não tem mais saco para quem só enrola ou não é honesto. Porém, nem por isso deixe de medir seus atos e palavras.

CAPRICÓRNIO Uma situação que requer inteligência emocional; se não a tem, melhor não se meter. É que por mais que você manobre, não param de aparecer arestas, o que pode irritar bastante.

AQUÁRIO Seria ideal manter o espírito de grupo, mas nem você está colaborando muito para isso. Evite reuniões, e no que diz respeito aos seus ideais, seja mais realista, pelo menos por enquanto.

PEIXES Ampliam-se um pouco as perspectivas no trabalho com algum aceno positivo. Mas averigue as condições para ver o quanto vale. Chefes e estrelas estão mais caprichosos hoje.

Loterias

Novelas

Orgulho e Paixão - GLOBO - 18h30min Nicoletta questiona Elisabeta sobre a acusação de Susana. Darcy e Ernesto conseguem abrir uma nova passagem nos escombros. Ema defende Elisabeta das acusações de Susana. Uirapuru inventa para Lídia que é apaixonado por ela e Mariana da mesma forma. Luccino avisa a Fani sobre o acidente de Ernesto e lamenta a rigidez da irmã. Rômulo pede Cecília em casamento. Vicente e os operários se incomodam com Elisabeta, e Brandão pede que a moça se contenha. Ernesto e Darcy se ajudam na movimentação sob os escombros da ferrovia. Ema conta para Elisabeta que descobriu que Jorge está apaixonado por ela. Com a revelação, Ema questiona o que sente por Jorge. Aurélio chega à casa de Jorge. Fani reza por Ernesto.

Palavras Cruzadas

Edibar

12

Lazer

FEDERAL

LOTOFÁCIL

LOTOMANIA

Sorteio: 05271

Sorteio: 1644

Sorteio: 1854

02 03 04 05 06

00 04 20 24 32 33 35 37 60 61 65 67 69 72 84 88 90 91 96 99

1º prêmio 2º prêmio 3º prêmio 4º prêmio 5º prêmio -

49946 19609 35291 30940 26697

07 08 09 11 13 15 18 22 23 24

DUPLA-SENA

MEGA-SENA

QUINA

Sorteio: 1772

Sorteio: 2027

Sorteio: 4645

11 15 29 37 39 44

03 12 33 54 71

1º- 09 16 17 20 30 50 2º- 03 07 08 14 15 38


Cidade

www.jornalminuano.com.br

BAGÉ, 12 DE JULHO DE 2018

13

Lia Quintana tem reconhecimento da Assembleia Legislativa por trabalho frente à Urcamp A professora Lia Maria Herzer Quintana, reitora da Universidade da Região da Campanha (Urcamp), foi homenageada, ontem, pela Assembleia Legislativa do Rio Grande do Sul (ALRS) com a medalha da 54ª Legislatura. A honraria é oferecida para pessoas que se destacam em sua área de atuação e contribuem para o desenvolvimento do Estado. Lia ocupa a função de reitora da Urcamp há oito anos e cumpriu um papel relevante na recuperação financeira e educacional da universidade, que viveu uma grave crise de financiamento na década passada. A solenidade, que ocorreu a partir das 12h30min, na sala da presidência, foi dirigida pelo presidente da ALRS, deputado Marlon Santos. Segundo ele, o reconhecimento tem um valor significativo para o parlamento estadual. “É uma homenagem institucional conferida a pessoas que fazem a diferença em sua atuação profissional e social”, explicou.

Mainardi destaca atuação

O deputado Luiz Fernando Mainardi, autor da sugestão de premiação, destacou o papel fundamental que a atual reitora cumpriu para reerguer a Universidades da Região da Campanha. “Acompanho teu trabalho com admiração e orgulho. Sei das dificuldades da gestão e elogio, publicamente, tua capacidade”, disse o parlamentar. Segundo Mainardi, que se formou em Direito pela institui-

Jéssica Pacheco/EspecialJM

Medalha entregue à Lia foi indicada por Mainardi ção, a Urcamp, durante a gestão de Lia Quintana, tornou-se uma das grandes universidades da Metade Sul do Rio Grande do Sul. “Esta homenagem é para ti, Lia, e para toda a tua equipe. Aos professores, estudantes e funcionários da Urcamp, todos responsáveis pela excelência da universidade, o que honra Bagé e toda a nossa região”, concluiu.

a todas as universidades comunitárias do Estado, que cumprem um papel relevante para o desenvolvimento regional. “Temos 15 universidades comunitárias no Estado, todas com um forte compromisso com o crescimento das comunidades e sustentadas pela força do trabalho e da dedicação de seus gestores, professores e funcionários”, declarou.

Universidades gaúchas

Um discurso com o coração

A representante do Consórcio das Universidades Gaúchas (Comung) e reitora da Universidade de Santa Cruz do Sul, professora Cármem Lúcia de Lima Helfer, registrou que o reconhecimento ao trabalho de Lia frente à Urcamp é, em certo sentido, uma homenagem

​Ao se pronunciar, a professora Lia Quintana não escondeu a emoção em receber o reconhecimento do parlamento gaúcho. “A Assembleia Legislativa é a Casa de todos e, por isso, esse reconhecimento é muito importante para mim”, disse. A reitora ressaltou

fotos Ronaldo Quadrado/EspecialJM

“A reconstrução da Urcamp foi possível graças ao empenho”, exaltou reitora que conta com uma equipe dedicada e qualificada e dedicou a todos a honraria que recebeu. “A reconstrução da Urcamp foi possível graças ao empenho, ao comprometimento e ao vínculo comunitário de todos que compõem a instituição”, declarou. Lia disse que a universidade continua a enfrentar problemas, mas, como foi dito em um encontro recente por um colaborador da instituição, são problemas de um organismo vivo. “O momento é de descrédito, mas tenho confiança que nossa geração ainda fará a diferença”, declarou. A reitora da Urcamp destacou, também, a parceria permanente que o deputado Mainardi tem mantido com a instituição e o papel que cumpre para abrir portas

e ajudar nos encaminhamentos necessários. “Temos uma relação de muitos anos, deputado Mainardi. Como sabes, não temos partido na direção da Urcamp. Nosso partido é o desenvolvimento e a parceria. E agradecemos por poder contar com sua disposição e disponibilidade sempre que precisamos”, concluiu. Além de deputados, assessores e funcionários da Urcamp, participaram da homenagem o desembargador José Carlos Teixeira Giorgis, o juiz do Trabalho da 4ª Região, Carlos Alberto Lontra, os deputados Nelsinho Metalúrgico e a deputada Miriam Marroni. Nesta quinta-feira, a partir das 20h, Lia Quintana será homenageada em Bagé, em cerimônia que acontecerá no complexo cultural do Museu Dom Diogo de Souza.

A homenageada

“É uma homenagem institucional conferida a pessoas que fazem a diferença”, mencionou presidente da ALRS

“Acompanho teu trabalho com admiração e orgulho”, disse petista

Lia Quintana tem 57 anos, é engenheira civil formada pela Unisinos e mestre na mesma área pela Universidade Federal de Santa Maria (UFSM). Desde 1987, é professora da Urcamp, assumindo a reitoria a partir de 2010. Lia é, também, presidente do Conselho Regional de Desenvolvimento da Região da Campanha (Corede Campanha) e da Fundação Attila Taborda (Fat).


14

Segurança

www.jornalminuano.com.br

BAGÉ, 12 DE JULHO DE 2018

Canil do 6º RPMon presta apoio ao Exército Na manhã de terça-feira, integrantes do canil do Pelotão de Operações Especiais de Bagé do 6ª Regimento de Polícia Montada (6ºRPMon), acompanhados do cão farejador Iron, efetuaram uma demonstração de busca a entorpecentes aos integrantes do 3º Batalhão Logístico (3º B Log) do Exército Brasileiro. Na ocasião, Iron demostrou suas habilidades em localizar drogas ilícitas. Foram vistoriados diversos armários e acomodações dos militares. A finalidade do comparecimento do canil no quartel do Exército foi para coibir que possa acontecer algum tipo de consumo de ilícitos por parte dos militares que integram o estabelecimento.

divulgação

divulgação

Ação ocorreu na manhã de terça-feira

Óbitos SANDRA BEATRIZ GARCIA DE BRUM, 51 anos, dona de casa, casada com Hervandil Peres de Brum. Morava na rua Ralf Pinheiro, bairro Popular. Deixa os filhos Hevanilton, Éverton e Émerson. VERA LÚCIA TRASSANTE MENEZES, 57 anos, doméstica, solteira. Morava na Estrada dos Olhos D’água, zona rural de Bagé. Deixa a filha Luana.

Menor estava com cinco buchas de maconha

Adolescente de 14 anos é apreendido com drogas dentro de escola

Na manhã de ontem, uma guarnição do Pelotão de Operações Especiais (POE) da Brigada Militar foi verificar uma denúncia de tráfico de drogas no interior da Escola Senador Getúlio Vargas, localizada no bairro São Judas Tadeu.

Segundo informações dos policiais militares, foram abordados dois adolescentes com as características informadas, sendo localizado, no bolso do casaco do adolescente de 14 anos, cinco buchas de maconha.

Diante dos fatos, o menor foi apreendido e encaminhado à Delegacia de Polícia de Pronto Atendimento (DPPA), onde foi realizado o registro policial. O adolescente, após os trâmites, foi liberado para um responsável.

Homem é detido após solicitar documento de antecedentes no Fórum

Na tarde de terça-feira, um jovem de 21 anos foi até o Fórum da Comarca de Bagé solicitar uma negativa de antecedentes criminais, quando foi constatado que havia, contra ele, um manda-

do de prisão em aberto. Conforme o registro, a Brigada Militar foi chamada para encaminhá-lo à Delegacia de Polícia de Pronto Atendimento (DPPA) e, posteriormente, ao

Presídio Regional de Bagé (PRB). O jovem, conforme repassado à reportagem, tem que cumprir cinco anos e 10 meses de reclusão em regime semiaberto.

Detento do IPB sofre tentativa de homicídio

Na manhã de ontem, um apenado do regime semiaberto do Instituto Penal de Bagé (IPB) foi vítima de uma tentativa de homicídio. De acordo com o registro de ocorrência da Delegacia

de Polícia de Pronto Atendimento (DPPA), o detento relatou que estava caminhando pela rua Doutor Penna, por volta das 7h, após sair do local, quando foi alvo de disparos de arma de fogo.

Ele contou, no boletim de ocorrência, que ouviu três disparos, mas nenhum o atingiu. O apenado disse ter percebido que os tiros vieram de uma dupla que estava em uma motocicleta.

Assaltante leva R$ 30 mil de comércio no bairro São Jorge

No final da tarde de terçafeira, um comerciante comunicou, na Delegacia de Polícia de Pronto Atendimento (DPPA), que o estabelecimento comercial de sua propriedade, localizado no bairro São

Jorge, foi alvo de assalto à mão armada. O criminoso, segundo divulgado, levou R$ 30 mil em dinheiro do cofre. Conforme o registro, um homem com boné e óculos entrou no

local com um revólver em punho e anunciou o roubo. Os clientes contaram, também no registro, que, após pegar o dinheiro, o acusado subiu na carona de uma motocicleta, modelo Titan, de cor preta, e foi embora.


Esporte

www.jornalminuano.com.br

BAGÉ, 12 DE JULHO DE 2018

Antônio Rocha

daiane.lima.bg@gmail.com

15

Daiane Lima

Jogador bajeense poderá integrar plantel do Brasil de Pelotas Disputa começa hoje, no Estádio Nicolau Fico

Guarany e Farroupilha na busca por vaga na Divisão de Acesso

Para o Guarany e Farroupilha, a disputa para uma vaga na Divisão de Acesso do Campeonato Gaúcho de 2019 inicia hoje, às 15h. Os times entram em campo no Estádio Nicolau Fico, pela partida de ida da semifinal da Segunda Divisão. No Estádio Vicente Goulart, em São Borja, o Bugre Missioneiro

recebe o Gaúcho, no mesmo horário. Os pontos fora de casa poderão ser valiosos para o alvirrubro, já que o primeiro critério de desempate é o saldo de gols simples e o segundo o saldo de gols qualificado. O time treinou na manhã de terçafeira – nos dois turnos e ainda trabalhou na tarde de ontem.

Para os clubes participantes, a disputa na Segundona vale, também, a entrada para a Divisão de Acesso. O alvirrubro, por ter melhor campanha, vai decidir em casa. O jogo de volta está marcado para o domingo, às 15h. Se chegar à final, o Guarany garante o acesso. A disputa será pela taça.

Jovem vai até São Paulo disputar Campeonato Brasileiro de Kart

Inspirado no bisavô, Ery Vernieri, que participava das corridas de carreteira, Gabriel Vernieri começou no kart aos quatro anos. Hoje, com 19, está prestes a representar a Rainha da Fronteira no Campeonato Brasileiro de Kart. Sobre a disputa, ele conta que está ansioso e vai realizar um “sonho de infância e de toda sua família”. A prática no esporte começou com a ajuda do avô Pascoal Vernieri. “Sempre me influenciou e me apoiou”, recorda. O jovem participava das atividades em Bagé e, aos 11 anos, começou a disputar fora da cidade. Atualmente, ele também recebe o apoio do primo Silvio Vernieri, que acompanha o kartista nas corridas e treinos. Só este ano, o jovem participou de duas competições, conquistando o primeiro lugar – uma vez, e o terceiro lugar – duas vezes. A próxima competição acontece no Kartódromo Internacional Granja Viana, em Cotia, na região metropolitana de São Paulo.

A equipe de Bagé viaja no sábado para São Paulo. Na segunda-feira iniciam os cadastros, os treinos livres acontecem às terçasfeiras e, na quinta-feira, são realizadas as tomadas de tempo. Em todo o Rio Grande do Sul, apenas Vernieri e outro kartista, de Farroupilha vão participar do evento. Na mesma categoria, PNK, serão 32 pilotos na disputa, no total. Vernieri conquista títulos desde o ano de 2011, quando foi campeão no citadino, na categoria estreantes. Em 2012, foi novamente campeão, na categoria graduados. O piloto foi campeão na categoria pró 400 em 2013 e, no mesmo ano, fico em terceiro no citadino de Uruguaiana, na graduados. No ano seguinte, o jovem conquistou o primeiro lugar no kart de Bagé nas categorias graduados e pró 400. Ele também foi o quarto melhor na graduados, na Regional da Serra, disputando apenas duas de cinco etapas. Em 2015, foi campeão no ci-

Divulgação

Vernieri: “sonho de infância” tadino de Bagé, novamente, e ficou em terceiro no Gaúcho. Em 2016, foi o terceiro melhor na categoria novatos, no Campeonato Sul-brasileiro, e vice no citadino. No ano passado, Vernieri conquistou o vice lugar na categoria novatos no Campeonato Catarinense e no Gaúcho – na categoria 125 pesado.

O lateral-esquerdo Julinho Machado, que defendia o Caxias, até a eliminação do time, na série D do Brasileirão, contra o Treze, é uma das opções de reforços avaliadas pelo Brasil de Pelotas. O bajeense foi revelado na base do Juventude e passou pelos times da Rainha da Fronteira, além do Inter de Santa Maria, 14 de Julho, Ypiranga, Canoas, Boa Esporte, Capivariano, América de Natal, Portuguesa, XV de Piracicaba, Cuiabá, Água Santa e Figueirense. Julinho poderá integrar o plantel do clube da Princesa do Sul para a disputa Série B do Brasileirão.

Divulgação

Julinho iniciou carreira na Rainha da Fronteira

Jogos adiados dos veteranos serão realizados no final de semana Com jogos transferidos, o complexo cultural Presidente Médici (Militão) deve receber, no próximo sábado e domingo, as partidas da Liga Bajeense de Futebol de Veteranos. Na Máster 50, as partidas serão pela primeira rodada do segundo turno. Quem terminou em primeiro foi o São Pedro, com 30 pontos, seguido pelo Hulha Negra, com 29 pontos, e Gente Bem, com 28. Brasil terminou o jogos sem pontuar. No final de semana, Manchester joga com União; Palmeiras enfrenta São Martim; Gente Bem entra em campo com Amigos do Arco; São Pedro disputa contra Caixeiral; Hulha Negra contra Nacional e Brasil entra em

campo com Santa Flora. Na primeira divisão do Sênior 35, Mascarenhas está em primeiro lugar, com 28 pontos. Arvorezinha é o segundo melhor, com 22 pontos na tabela. Os times se encaminham para a terceira rodada do returno. As disputas serão: Valério Doce x 2º Independente, Mascarenhas x Guarani, Arvorezinha x São Pedro, Roma x Cosmos e Industrial x Stand. Na segunda divisão, os jogos serão disputados pela quinta rodada do returno. As competições do final de semana serão: Nacional x Cohab, Prado Velho x Caieira, Real Stand x Sergipe, Fiorentina x Canhada e Gente Bem x Vasco.


16

Contracapa

BAGÉ, 12 DE JULHO DE 2018

www.jornalminuano.com.br

Bagé em foco nas vitrines da avenida Sete de Setembro

fotos Tiago Rolim de Moura

Junto aos versos de Ernesto Wayne, as telas chamam a atenção dos bajeenses As obras quem compõem a 26ª edição do projeto Arte na Vitrine já estão disponíveis para apreciação dos pedestres que circulam pela avenida Sete de Setembro. Cerca de 25 empresas emprestaram suas fachadas para expor os quadros que homenageiam a Rainha da Fronteira, em seus 207 anos de fundação, e também para valorizar os artistas bajeenses. O projeto é uma iniciativa da Associação Comercial e Industrial de Bagé (Aciba), em parceria com a Secretaria de Cultura e Turismo,

que há 26 anos colorem os mostruários das lojas parceiras. Neste ano, foram 20 artistas expondo cerca de 30 obras que lançam luz sobre o patrimônio histórico e arquitetônico da cidade, permeados pelas palavras do poeta Ernesto Wayne no livro “Passeio Poético por Bagé”. Na vitrine da loja Temppo, por exemplo, a escultura do anjo instalado no chafariz da Praça Silveira Martins ganha os contornos e cores das pinceladas da artista Deli Germano, assim como os clássicos cães que ladeiam os portões do Pa-

lacete Pedro Osório. Gerente da loja, Rosane Vaghetti destaca que a empresa participa do Arte na Vitrine há mais de 20 anos, abrindo espaço para o reconhecimento dos artistas bajeenses e, de quebra, ganhando com a beleza das telas expostas. A opinião foi endossada por Ricardo Severo Sabedra, gerente da Óptica Bagé, que abriu espaço para uma releitura da artista plástica Heloísa Beckmann, do antigo prédio do Mercado Público da cidade. “Participamos do projeto há mais

de doze anos e é interessante tanto para os artistas, que têm espaço na Sete de Setembro para expôr seus trabalhos, quanto para as empresas. E os quadros sempre despertam o interesse dos clientes, que param para admirar”, conta ele. Ainda dentro da programação de aniversário da cidade, um dos destaques de hoje é o city tour Origem e Memória – revisitando nossa história, com saída do Centro Administrativo às 9h30min. A partir das 10h, acontece a masterclass de acordeon e chamamé com

Alejandro Brites, na Biblioteca Pública Municipal. À tarde, a partir das 14h30min, acontece a abertura do espetáculo “Além das Fronteiras”, também com Brites, e participação da Orquestra Jovem do Pampa em um pocketshow realizado no auditório do Escola São Pedro. Às 16h acontece a mostra “Arte na Hidráulica”, no Museu da Água. No mesmo horário, na Câmara Municipal de Vereadores, acontece o encontro sobre Políticas Públicas de Direitos Humanos e Diversidade.

20180712  
20180712  
Advertisement