Page 1

Bagé Center Games retoma atividades

ANTÔNIO ROCHA

Setor elétrico

STF vai definir futuro da medida provisória que permite privatização da CGTEE O governo federal recorreu ao Supremo contra a decisão da Justiça de Pernambuco, que suspendeu um trecho da redação editada no final do ano passado. Decisão deve ser da ministra Cármen Lúcia, presidente do STF Pág. 5

Após perder toda estrutura no incêndio da Galeria Kalil, empresa conta com apoio para se reerguer Pág. 3

jornalminuano.com.br BAGÉ, terça-feira, 16 de janeiro de 2018 - ANO XXIII Nº 5 834 | R$ 2,00

Em defesa do Banrisul

ANTÔNIO ROCHA

Temperatura 18

30

Projeto de lei de iniciativa popular pode obrigar governo a manter o controle acionário e o poder direto de gestão do Banco do Estado do Rio Grande do Sul, conservando, no mínimo, 51 % do total do capital votante. Na região, a mobilização pela proposta é feita pelo Sindicato dos Bancários de Bagé Pág. 7


02

Opinião

Editorial

redacaominuano@gmail.com www.jornalminuano.com.br

No caminho da desburocratização

O

www.jornalminuano.com.br

BAGÉ, 16 DE JANEIRO DE 2018

s brasileiros podem sugerir alterações para facilitar o acesso, a execução e a qualidade dos serviços públicos. É o que propõe o Simplifique, canal de comunicação online lançado pelo governo federal, com a finalidade de revisar a burocracia. A nova ferramenta também permite apontar falhas e questionar a exigência de documentos solicitados para serviços específicos. O que está em discussão é mais do que a qualidade dos atendimentos. Trata-se de um novo modelo de relacionamento com o cidadão. De acordo com nota divulgada pelo Ministério da Transparência e Controladoria-Geral da União, a medida representa um desdobramento do Decreto de Desburocratização (editado no ano passado), que busca melhorar o atendimento aos usuários, reduzir o excesso de burocracia e gerar agilidade,

economicidade e efetividade à administração pública, prevendo a participação ativa da sociedade em todo processo”. A sistemática valoriza, na prática, a função das ouvidorias, que têm a função de assegurar o direito à clareza nos processos públicos. O movimento no sentido da desburocratização merece reconhecimento, principalmente por prever mudanças práticas, a exemplo da dispensa do reconhecimento de firma e autenticação de documentos expedidos no país e da gratuidade dos atos necessários ao exercício da cidadania. No que tange aos serviços públicos, o decreto criado a partir de trabalho interministerial já elimina a necessidade de entregar o mesmo documento várias vezes. As mudanças são cruciais para desatar um dos nós que atrapalham o desenvolvimento. A expectativa é que novos avanços sejam alcançados com as contribuições. Laboratório FACOS/Urcamp

FAT - Jornal Minuano | CNPJ: 87415725/0012-81 Endereço: Rua Brigadeiro Mércio, 72 - CEP 96400.720 - Bagé/RS Telefones: Redação (53) 3242-7693 - Assinaturas 3241-6377 www.jornalminuano.com.br | redacaominuano@gmail.com | facebook.com/jornalminuanobage

DIRETOR EXECUTIVO Glauber Pereira GERENTE COMERCIAL Adriana Robaina Editor assistente - Sidimar Rostan • Reportagem - Viviane Becker - Cláudio Falcão - Melissa Louçan - Jaqueline Muza - Rochele Barbosa - Daiane Lima - Augustho Soares (estagiário) • Chargista - Cláudio Falcão • Repórter fotográfico - Antônio Rocha - Tiago Rolim de Moura • Diagramação - Luís Mário Pereira - Daniel Cuerda Ferreira - Wilson Cesar Alpoim Leite • Revisão - Cristiani Martins de Souza • Assistente comercial - Angelina Britto • Vendedores - Dulce Dias - Fabrício Becker • Distribuição - Marcos Goulart • Assinaturas - Martina Motta dos Santos • Administrativo - Lidiane Selaje Marques • Colaboradores - José Carlos Teixeira Giorgis - Marcelo Teixeira - José Artur M. Maruri dos Santos - Norberto Dutra - Airton Gusmão - Dilce Helena dos Santos - Fernando Risch - João L. Roschildt • Impressão - Gráfica do Jornal do Povo - Cachoeira do Sul

Os artigos assinados não refletem, necessariamente, a posição do jornal. Por isso, a editoria não se responsabiliza pelas opiniões emitidas.

Dilce Helena dos Santos

dilcehelenapsicologa@gmail.com

É tempo de atualização

Assim como nos encantamos com o brilho e Muitas vezes trocamos a foto de perfil, mas a luz de estrelas, que na verdade já não existem há continuamos com uma imagem mental antiga somuito tempo, trazemos em nosso íntimo inquieta- bre a vida, sobre os outros e, principalmente, sobre ções por fatos que não fazem mais sentido ou estão nós mesmos. Oportunidade interessante para atuhá muito encerrados. Por vezes carregamos fardos alizar a ideia que temos a nosso respeito, pontos de situações ou relacionamentos que a vida já se em que crescemos, aprendemos, romper com o que encarregou de resolver, porém ficou o hábito, in- nos agradava antes e agora não faz sentido; quais comodando como o membro fantasma do erros ainda insistimos em reincidir, ao que amputado. Da mesma forma uma crítica desejamos dizer não sem culpa e assudo passado molda nossa autoimagem mir ao que desejamos dizer sim com por anos a fio, uma experiência bem convicção. Oportunidade sucedida pode funcionar como álibi Preocupa tanto o espaço ideal para jogar para zona de conforto ou a arrogânocupado na memória de nossos fora aquilo que cia de não ter mais nada a aprender. computadores, poderíamos igualnão serve Início do ano, planos, descanmente dar atenção ao espaço que so, janeiro branco, cuidado com a certas coisas estão tomando em nosmais saúde das emoções e de nossa mensa mente, nossa vida, nosso dia a dia. te. Hora ideal para atualizações, sim, Se não estivéssemos ocupados com tanto quanto computadores e celulares, é tantas bobagens, vaidades e mesquinharias, um bom momento para atualizar. Oportunidade o que estaríamos fazendo? Construindo, vivendo, ideal para jogar fora aquilo que não serve mais, sentindo? banir do convívio as falsas relações, os jogos de interesse, a preguiça ruim, assumir sem vergonha Voa um par de andorinhas fazendo verão. nenhuma a boa preguicinha, aquela que ordena de E vem uma vontade de rasgar velhas cartas, velhos poemas, vez em quando ficar em casa ouvindo música e velhas cartas recebidas. Vontade de mudar de camisa, por fora e por dentro... Vontade... para que esse pudor curtindo um livro na companhia de quem se ama de certas palavras?... sem saber o que acontece no mundo. Pode tam- Vontade de amar simplesmente. bém ser a hora de adotar mais empenho pelo que Mário Quintana se acredita e dar menos importância ao que é só aparência, irrelevante. Psicóloga

Cláudio Charge Falcão Florêncio e a segurança nas férias falcaobage58@gmail.com


Cidade

www.jornalminuano.com.br

BAGÉ, 16 DE JANEIRO DE 2018

03

Bagé Center Games luta para se reestruturar após incêndio FOTOS Antônio Rocha

Nova estrutura de estabelecimento é formado por doações e investimento pessoal Após perder toda a sua es- seguir reabastecer o estabeleci- cida por revelar grandes nomes trutura no incêndio da Galeria mento, pois a maior parte de sua dos e-sports (esportes eletrônicos), se destacando, princiKalil, ocorrido em 24 de novem- renda vem do aluguel de jogos. bro do ano passado, a Bagé CenO proprietário salienta palmente, nas revelações na ter Games luta para se reerguer. que a retomada da loja se deu, série de futebol Pro Evolution Desde o dia 7 de janeiro, a loca- principalmente, graças à co- Soccer (PES). O proprietário dora se encontra anexa à lanche- merciante Lisete Severo (Tia explica que Bagé tem dois joria da Tia Gorda, na avenida Ge- Gorda), que ofereceu o espaço gadores entre os dez melhores neral Osório, nº 1.135. Entretan- aos fundos de sua lanchonete do Brasil, sendo eles: Rigner to, os estabelecimentos, com para a instalação da locadora. Souza, 26 anos, e Victor Maexpediente todos os dias, devem “Ela foi uma grande ajuda, se theus, 23 anos. Souza foi campeão gaúcho trocar de local no domingo, para não fosse por ela, nós provavelo prédio localizado no outro mente não teríamos lugar até em 2012, vencedor da Liga Brasil em 2013 e ficou em terlado da rua, nº 1.174. agora”, destaca. Conforme o proprietário Tia Gorda conta que já co- ceiro lugar no Brasileirão de da locadora, Pablo Ribeiro, a nhecia Ribeiro há anos, man- 2015, além de ser um dos 3 reBagé Center Games está conse- tendo uma relação de amizade. presentantes brasileiros no sulguindo voltar às atividades gra- Quando soube do incêndio, a americano PES League 2017, ças à ajuda de amigos e familia- comerciante se lembrou de em Buenos Aires, na Argentires, que colaboraram com o quando passou por uma situa- na. O jogador, que é profisempréstimo de jogos, televi- ção semelhante, em que sua sões e consoles de vídeo games. lancheria, em outro local, foi sional dos e-sports há 8 anos, Ribeiro explica que duas das consumida pelas chamas. “Mui- conta que ficou triste ao descoquatro televisões da locadora são tas pessoas já me ajudaram, brir sobre o incêndio. Para Souemprestadas e as demais foram quando soube da situação de- za, a Bagé Center Games foi compradas após o incidente. O les, percebi que era a minha vez essencial em sua formação como player. “Sem a Bagé Cenacervo de jogos da locadora, que de ajudar alguém”, conta. ter Games, eu não chegaria até então continha mais de cem aonde cheguei. Foram vários unidades, agora conta com menos treinamentos de tarde com os de 50 games, grande parte pertencente à coleção particular do proHá 15 anos em atividade, guris, vários ensinamentos e prietário. A meta de Ribeiro é con- a Bagé Center Games é conhe- ajuda do Pablo”, declara.

Tia Gorda entregou fundos de lanchonete para Ribeiro instalar locadora de jogos

Situação da Galeria Após o incêndio, a galeria onde a locadora se encontrava foi interditada pela Defesa Civil. Segundo o comandante regional do Corpo de Bombeiros, Major Max Meinke, o responsável técnico pelo Plano de Prevenção e Proteção Contra Incêndio (PPCI) protocolou, no Corpo de Bombeiros, no dia 8 de janeiro, um pedido de análise de dispensa de al-

gumas medidas de proteção. O pedido está sendo analisado e a decisão deve ser emitida em aproximadamente dez dias. Encerrado o processo de análise do PPCI, se ele for aprovado, caberá ao proprietário/responsável pelo prédio executar as medidas de proteção e requerer ao Corpo de Bombeiros a vistoria. “Se tudo ocorrer bem, neste momento, o prédio deverá ser desinterditado”, explica.

Revelações dos e-sports

Proprietário conta que pensou em desistir após incidente


04

Campo & Negócios

www.jornalminuano.com.br

BAGÉ, 16 DE JANEIRO DE 2018

Semana de tempo instável, mas com poucas chuvas no Estado

DIVULGAÇÃO

DIVULGAÇÃO

Prestação de contas de 2017 foi divulgada ontem

Fundesa aplicou R$ 3,87 milhões em indenizações a produtores de leite em 2017 A semana começou com tempo aberto em grande parte da metade Sul do Rio Grande do Sul. Somente a faixa Norte do Estado é que esteve com um pouco mais de nebulosidade, ontem, mas que começou a enfraquecer ao longo da tarde. A previsão para esta semana é de pancadas de chuva sobre grande parte do Estado a partir de amanhã. Porém, a metade Sul ainda poderá não registrar chuvas e os bons volumes deverão voltar a ocorrer, de fato, somente na semana que vem. Isso porque, ao longo de toda esta semana, os corredores de umidade ainda estarão voltados à faixa central do Brasil. A informação é do Instituto Climatempo, em seu boletim semanal especialmente produzido para o Instituto Rio Grandense do Arroz (Irga).

Com a ausência de chuvas regulares e em bons volumes sobre as principais regiões produtoras de arroz do Estado gaúcho, os níveis de umidade do solo e também dos reservatórios estarão sofrendo reduções consideráveis, o que poderá deixar o produtor apreensivo. Entretanto, tudo está sinalizando no sentido de que, a partir da semana que vem, as condições de chuvas se normalizem, inclusive para o mês de fevereiro, onde há previsões até mesmo de chuvas acima da média para diversas localidades do Rio Grande do Sul. A estiagem vem causando danos às lavouras, em especial à soja, uma vez que os baixos níveis de umidade do solo já estão comprometendo o pleno desenvolvimento das lavouras. No caso do arroz, ainda não houve relatos de perdas.

O Fundo de Desenvolvimento e Defesa do Saneamento Animal (Fundesa) divulgou, ontem, a prestação de contas de 2017. Dos R$ 7,034 milhões aplicados durante o ano, mais da metade, R$ 4,73, foram destinados à pecuária leiteira, incluindo indenizações, projetos voltados à capacitação e outras iniciativas. Os produtores de leite receberam R$ 3,87 milhões em indenização para eliminação de 2.770

animais positivos para brucelose e tuberculose. O presidente do Fundesa, Rogério Kerber, ressalta que, ao todo, mais de 30 mil vacas leiteiras foram testadas em 2017. O secretário executivo do Sindilat, Darlan Palharini, vê como positivo o crescente acesso dos produtores às indenizações, pois tal fato demonstra que há preocupação com a sanidade do reba-

nho. “O controle da tuberculose e da brucelose no Estado é um importante passo para continuar crescendo no mercado interno e externo”, afirma Palharini. De 2009 a 2017, o Fundesa repassou R$ 12,29 milhões em indenização a produtores de leite do Rio Grande do Sul. Tal quantia foi destinada à eliminação de 11.862 animais durante o período.


Fogo Cruzado

www.jornalminuano.com.br

BAGÉ, 16 DE JANEIRO DE 2018

ARQUIVO/JM

@sidimarrostan sidimar_frostan@hotmail.com

05

Sidimar Rostan

Plenário da Câmara de Bagé passa por reformas

Antônio Rocha

Complexo termelétrico de Candiota está no centro das discussões

Governo recorre ao STF contra decisão sobre privatização da CGTEE O governo federal apresentou, ontem, uma reclamação ao Supremo Tribunal Federal (STF), contra a decisão da Justiça Federal em Pernambuco, que suspendeu o trecho de uma medida provisória editada em dezembro do ano passado, para viabilizar a privatização da Eletrobras e de suas subsidiárias, o que inclui a Companhia de Geração Térmica de Energia Elétrica (CGTEE). A empresa tem sede em Candiota. Na representação, assinada pela advogada-geral da União, Grace Mendonça, o governo alega que o juiz federal Carlos Kitner, da 6ª Vara Federal do Recife, usurpou a competência do STF ao deliberar sobre a constitucionalidade de uma medida provisória, atribuição que seria exclusiva do Supremo. Segundo Grace, a medida provisória em questão só poderia ter sido questionada em ação direta de inconstitucionalidade aberta no STF. Ela pediu por uma liminar (decisão provisória) urgente para suspender os efeitos da determinação do magistrado. O mesmo pedido foi feito pela Câmara dos Deputados, em reclamação assinada pelo assessor jurídico Leonardo Barbosa e também protocolada ontem. A decisão sobre o pedido

de liminar da Advocacia-Geral da União (AGU) deve ser da ministra Cármen Lúcia, presidente do STF, que despacha em regime de plantão. A ministra pode ainda deixar que qualquer decisão seja tomada pelo relator, Alexandre de Moraes, no retorno do recesso da Corte, em fevereiro.

Decisão provisória Na semana passada, o juiz Carlos Kitner, da Justiça Federal em Pernambuco, concedeu uma liminar para suspender o artigo 3º da medida provisória 814, editada em 29 dezembro de 2017, que retirava de uma das leis do setor elétrico a proibição de privatização da Eletrobras e de suas subsidiárias. A ação popular foi aberta no dia 9, pelo advogado Antônio Accioly Campos. Ele questionou a revogação, pela medida provisória, do artigo 31 da lei 10.848, que excluía a Eletrobras e suas controladas (Furnas, Companhia Hidroelétrica do São Francisco, Eletronorte, Eletrosul e a CGTEE) do Programa Nacional de Desestatização. Kitner afirma, na decisão, que o governo federal não justificou a urgência de editar uma medida provisória, “no apagar das luzes” do ano passado, “para alterar de forma substancial a

configuração do setor elétrico nacional”. Ele argumentou que as leis sobre o setor elétrico não poderiam ser modificadas sem a “imprescindível” participação do Congresso Nacional. O Ministério de Minas e Energia rebateu os argumentos do juiz, em nota, afirmando que, em sua exposição de motivos ao Congresso Nacional, o governo deixou claro que a Medida Provisória não tinha o objetivo de antecipar “discussões de mérito relacionadas ao tema”, que ainda serão alvo de outro projeto de lei.

Carpete que revestia assoalho foi removido A próxima sessão da comisO republicano adianta que a são representativa da Câmara de madeira vai receber um trataVereadores de Bagé será realiza- mento específico. “Aproveitada no plenarinho Remídio Garcia. mos o recesso para fazer a muO plenário Lígia Almeida, que dança”, pontua, ao destacar, ainabriga as galerias públicas e as da, que como o valor do serviço bancadas dos parlamentares, não não ultrapassou R$ 8 mil, o Ledeve ser utilizado até a próxima gislativo não precisou realizar semana. O carpete que revestia o licitação para viabilizar a reforassoalho foi removido para uma ma. Fagundes observa, também, reforma, que, segundo o presiden- que o plenarinho já dispõe da este da Casa, vereador Edimar Fa- trutura necessária paras as transgundes, do PRB, deve ser conclu- missões das sessões, às quintasfeiras, pela TV Câmara. ída dentro de duas semanas.

Lei pode estabelecer regras para análise de água em escolas municipais DIVULGAÇÃO

Nova ação A AGU entrou com pedido de suspensão de liminar no Tribunal Regional Federal da 5ª Região (TRF5), que é a segunda instância da Justiça Federal em Pernambuco. Nesta ação, o órgão entra no mérito da questão, argumentado que a liminar suspendendo a privatização pode causar prejuízo de R$ 18,9 bilhões ao setor elétrico, “sendo R$ 12,2 bilhões relacionados às concessões de usinas da Eletrobras – que dependem da privatização da empresa”, disse a AGU, por meio de nota. Quem deve julgar o recurso é o presidente do TRF5, desembargador Manoel de Oliveira Erhardt.

Vereador argumenta que proposta visa fiscalização da qualidade dos reservatórios O Legislativo bajeense vai avaliar, após o recesso parlamentar, uma proposta de lei que regulamenta a análise de água em reservatórios das escolas e creches municipais. Pela proposta, apresentada pelo líder do PDT, vereador Augusto Lara, o procedimento

será realizado periodicamente, a cada quatro meses. Se a redação for aprovada, o trabalho será realizado pela Secretaria Municipal de Saúde e Atenção à Pessoa com Deficiência e pelo Departamento de Água, Arroios e Esgoto de Bagé (Daeb). A proposição determina, ainda, que quando for constatado um padrão fora das condições de potabilidade, oferecendo riscos à saúde, serão tomadas as medidas cabíveis para restabelecer a qualidade da água. A proposição depende de aprovação das comissões técnicas para seguir ao plenário. Augusto justifica que a água é elemento importante para a saúde. De acordo com o pedetista, o projeto visa estabelecer a fiscalização da qualidade dos reservatórios, visando garantir as condições para discriminar se a água está em bom estado de consumo.


06

Empreendedor

www.jornalminuano.com.br

BAGÉ, 16 DE JANEIRO DE 2018

Antônio Rocha

Quimera

A empresa está oferecendo 30% de desconto na eletroestimulação, radiofrequência, lipocavitação e plataforma vibratória. Promoção válida para os meses de janeiro e fevereiro. Agende seu horário. Melanie Granier, 701. Telefones 3242-1998 e 99929-5811.

Dulce Modas A coleção verão 2018 tem uma vasta opção de vestidos, blusas, bolsas e sandálias. Tudo com ótimos preços. Rua General Sampaio, 56 - Sala 11, Calçadão. Telefone (53) 3241-7369.

Colégio Auxiliadora As matrículas estão abertas para Educação Infantil, Ensino Fundamental e Ensino Médio. Agende uma visita e conheça os diferenciais do Colégio Auxiliadora. Marechal Floriano, 1335. Telefones 3242-5664 e 3242-5580.

Óptica Conquistadora Equipe destaca variedade de calçados com descontos promocionais

Sappataria liquida estoques de verão

Ainda que o verão esteja no auge e tudo que se relaciona a ele permaneça em pauta, a Sappataria já começou a sua promoção de saldos e pontas. Sandálias, rasteirinhas e muitos outros tipos de calçados adequados ao calor da estação fazem parte da promoção. Preços imperdíveis aliados a descontos que chegam a mais de 50% em alguns produtos ofertados. O objetivo da promoção é liquidar com os estoques de verão, pois em fevereiro já começam a chegar as primeiras coleções da temporada outono/inverno.

Aberta em maio do ano passado, a Sappataria ganhou, logo de início, a grande aceitação do público. O visual bonito e moderno da área de vendas transforma em experiência sensorial a compra de um par de sapatos. E não são simples sapatos. A Sappataria trabalha com marcas importantes e consagradas no mundo calçadista nacional como Arezzo, Jorge Bischoff,

Dumond, Bottero, entre outras. O atendimento qualificado junto às facilidades de compra abrem uma perspectiva importante de crescimento da loja em 2018 diz o seu administrador, Gilberto Alágia. A loja dispõe de crediário próprio com cadastro descomplicado e rápido. E se o pagamento for com cartão, a Sappataria trabalha com todas as bandeiras do mercado.

Avenida sete de setembro, n°969 - Fone: 32474770 A loja também pode ser encontrada no Facebook

Conheça a linha de óculos de sol da Óptica Conquistadora. Fica na avenida Sete de Setembro, 1088. Telefone (53) 3242-1370

Temppo Antes de sair para a praia, confira as novidades da Temppo, que tem biquínis, shorts, vestidos, blusas, sandálias, chinelos e bolsas. Fica na avenida Sete de Setembro, 1014. Telefones (53) 3242-4055, (53) 3242-5866 e (53) 3242-6161.

Aniversariantes Bruno Lisboa Daniela Vieira Pires Elmira Maria Fior Fernando Pons Francieli Conceição Morales Costa Hélen Fernandes Paiva Jacira Pires Gonçalves Jorge Luís Resende Nunes

Juçara Silva Lauro Renato Vidal Manoel de Moura Márcio Fábio Almada Aquere Maria Rosa Azambuja Corrêa Mauro Renato Vidal Ricardo Valim Borba Vera Maria dos Santos


Cidade

www.jornalminuano.com.br

BAGÉ, 16 DE JANEIRO DE 2018

Jaqueline Muza/ Especial JM

07

Fim da contribuição sindical obrigatória não deve afetar todas entidades em Bagé

Antônio Rocha

Stia irá manter atividades assistenciais

Estimativa é ultrapassar de 70 mil pessoas

Bancários coletam assinaturas em apoio ao Banrisul O Sindicato dos Bancários de Bagé está coletando assinaturas em apoio a um projeto de lei de iniciativa popular que impede qualquer governo do estado do Rio Grande do Sul de vender ações do Banrisul e ficar com menos de 51% do total do capital social do banco. A representação sindical tem uma meta para apresentar a proposta para a Assembleia Legislativa. Ontem, o novo presidente do sindicato, Antônio Valdenir Saraiva Lopes, que atuou no Banrisul por 40 anos, e o tesoureiro da entidade, Ricardo Machado, coletaram assinaturas em frente à agência do banco na avenida Salgado Filho. Lopes salienta que para que a proposta seja encaminhada ao parlamento gaúcho são necessárias 70 mil assinaturas. O presidente, que assumiu o posto este mês, após a renúncia de Nilton Dias, que atuou à frente da entidade por 18 anos, ressalta que a mobilização em defesa do Banrisul está sendo realizada em todo o Estado. “As pessoas podem procurar na fren-

te da agência ou na sede do sindicato”, informa.

Mudança na constituição

A proposta defendida pelos bancários altera a Constituição determinando, basicamente, que o estado do Rio Grande do Sul deverá, obrigatoriamente, manter o controle acionário e o poder direto de gestão do Banco do Estado do Rio Grande do Sul, conservando, no mínimo, 51% do total do capital votante e 51% do total do capital social do banco”. A intenção é incluir, no artigo 22 da Constituição Estadual, um parágrafo que mantenha o Rio Grande do Sul com o controle acionário e o poder de direito de gestão do Banrisul. Para chegar à Assembleia Legislativa, o projeto precisa de 70 mil assinaturas, número que corresponde a 1% dos eleitores que votaram na eleição de 2016, para prefeitos. Após a coleta, a proposta da nova legislação será encaminhada para votação em plenário. A justificativa do projeto sustenta que a venda de ações do

Banco do Estado do Rio Grande do Sul é contrária ao interesse público, pois significa uma absurda perda periódica de receitas, decorrente dos dividendos a serem auferidos num futuro próximo, como demonstra o exemplo ocorrido há uma década, em que desde então o poder público deixou de receber parte do lucro e não mais dispõe do patrimônio que era de todo o povo gaúcho”.

Frente parlamentar Existe espaço para a discussão no parlamento gaúcho. A Casa, inclusive, conta com uma Frente Parlamentar em Defesa do Banrisul Público, que é coordenada pelo deputado estadual Zé Nunes, do PT. Em outubro do ano passado, o colegiado deflagrou um conjunto de ações para fazer frente à proposta de venda de até 49% das ações ordinárias e de 7% das ações preferenciais que pertencem à instituição, anunciada, á época, pelo governo do Estado. Em dezembro, o Palácio Piratini recuou, alegando uma queda no valor das ações do banco.

A reforma trabalhista, em vigor desde novembro do ano passado, tornou opcional a contribuição sindical. Isso significa que a partir de março deste ano os trabalhadores e as empresas não são mais obrigados a dar um dia de trabalho por ano para o sindicato que representa sua categoria. Presidentes de algumas das representações sindicais estabelecidas em Bagé acreditam que a medida não deve trazer grandes prejuízos. Com a nova legislação, o desconto da contribuição sindical está condicionado à autorização prévia e expressa dos trabalhadores. A lei determina que 60% fica para a entidade e o restante vai para o governo federal, federações e confederações. Mesmo assim, alguns sindicatos não devem ser afetados com a nova medida. Segundo eles, esta previsto em acordo coletivo, uma contribuição mensal para a manutenção dos serviços assistenciais. É o caso de uma das entidades mais antigas no município, o Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias de Alimentação de Bagé (Stia), fundado em 24 de junho de 1934, que abrange cerca de 3,5 mil trabalhadores na região, em Hulha Negra, Candiota, Aceguá e Bagé. De acordo com o presidente do Stia, Luiz Carlos Cabral, a entidade tem sede própria e oferece serviços assistenciais. “Os trabalhadores realizam uma contribuição mensal assistencial e usufruem dos benefícios”, conta. Cabral salienta que a sindicato oferece serviço de dois médicos e dois dentistas, além de convênios

para exames, consultas com especialistas e em clínicas. Também possui um ginásio e está construindo uma subsede em Hulha Negra. “São beneficiados os trabalhadores e as famílias”, avalia. O Sindicato dos Bancários ainda está avaliando a situação. De acordo com o tesoureiro da entidade, Ricardo Machado, somente após reunir a categoria será definida uma posição. Por enquanto, o sindicato, fundado em 25 de maio de 1935, mantém todas as atividades assistenciais. Machado ressalta que a entidade possui mensalidade e a contribuição sindical. Caso a categoria opte por não pagar, serão revistos alguns benefícios. O sindicato oferece assistência odontológica e vários convênios. Abrange cerca de 400 pessoas nos municípios de Bagé, Aceguá, Hulha Negra, Candiota, Pinheiro Machado, Caçapava do Sul, Lavras do Sul e Dom Pedrito. Outra entidade que não deve sentir impactos da obrigatoriedade da contribuição é o Sindicato dos Trabalhadores Rurais (STR), que abrange cerca de dois mil associados nos municípios de Hulha Negra, Candiota, Aceguá e Pedras Altas. Conforme o vice-presidente do STR, Milton Brasil, todos os trabalhadores filiados têm ficha social. “Essa é uma das cláusulas previstas no dissídio”, informa. Brasil salienta que os sócios contribuem mensalmente para usufruírem dos benefícios como assistência médica e dentária e convênios com laboratórios clínicas. “Há muitos anos já trabalhamos desta forma”, enfatiza.


SOC

ROSANE

Coutinho

www.jornalmi

G

rosane.coutinho@gmail.com

Mariana Magalhães e Diovani Tessele (Kiko) em alta vibe na sexta-feira à n

Fernanda Cabral e Raquel Leivas na Parrilla Los Pampas, no sábado. As meninas se encontraram para colocar o papo em dia. Lindas e poderosas!

Ana Paula Codevilla Fernandes e Bruno curtindo a noite no Los Angeles Pub

Inda Barcellos é um doce de pessoa. Sabe aquela expressão linda por dentro e por fora?! Pois é, cabe aqui!


CIAL

08/09

BAGÉ, 16 DE JANEIRO DE 2018

inuano.com.br

Girando...

Em festa estão Vinícius, a colega e amiga Viviane Becker e a Valentina, afinal de contas, a caçula Mariah completou, ontem, dois anos de idade. Parabéns à pequena e aos familiares por esta bênção cheia de saúde.

noite

b

Lucas Freitas da Rosa com a linda mãe, Inês

A beleza de Vitória Rocha para a Just Be Design, de Newton Coutinho. Ela vem ilustrar a nova campanha de verão, que promete muitos descontos na loja Conceito, da Ana Saraçol. Crédito Newton Coutinho


10

Cidade

www.jornalminuano.com.br

BAGÉ, 16 DE JANEIRO DE 2018

IPVA dos dez veículos mais caros de Bagé totaliza R$ 83,9 mil Carros luxuosos pagam valores altos de Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA). Em Bagé, o valor correspondente aos dez maiores contribuintes totaliza R$ 83.932,33, o que representa 0,35% da arrecadação total prevista para a cidade. De acordo com informações da Receita Estadual, 34.585 veículos contribuem no município. Até dia 12 de janeiro, 8.751 proprietários já haviam efetuado pagamento. A estimativa de arrecadação é de R$ 24,1 milhões. A metade do valor é repassada de maneira automática para a prefeitura.

ARQUIVO/JM

Estado

Parcelamento Restam pouco mais de duas semanas para o contribuinte parcelar o pagamento do Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA 2018). No dia 31, termina o prazo para dividir o pagamento do imposto em até três vezes ou quitar com descontos que podem chegar a 22,4%. No caso do parcelamento, até essa data é

1.035 pagantes. Destes, 240 anteciparam o pagamento. A previsão para o município é arrecadar R$ 608.733,54. Até agora foram adiantados R$ 170.123,40.

Cerca de 8,7 mil contribuintes quitaram ou parcelaram o valor do imposto até agora previsão é que os valores chepreciso pagar a primeira prestação. rissa Rezende Curra, até o dia guem a R$ 1.224.617,53. No município de Candiota, 12 de janeiro, em Aceguá, dos 1.592 contribuintes, 377 haviam o valor da arrecadação foi de R$ Conforme a delegada da quitado o imposto antecipada- 476.802,90, alcançando 28,02% Receita Estadual de Bagé, Cla- mente, chegando a 23,64%. A do previsto. Hulha Negra possui

Região

No Rio Grande do Sul, já passa de um milhão o número de contribuintes que pagaram de forma antecipada (até o dia 2) ou optaram pelas vantagens do parcelamento. Com um total de 1.020.362 de guias pagas, 28% da frota que precisa recolher o tributo (3.643.682) está com a situação em dia. Desse total, 891.144 motoristas se valeram do desconto máximo de 24,73%. Outros 84.198 contribuintes preferiram quitar o IPVA 2018 com os descontos máximos oferecidos neste mês, enquanto 45.012 escolheram parcelar em três vezes. Com isso, a arrecadação bruta chegou a R$ 787,6 milhões até o momento.


Cidade

www.jornalminuano.com.br

BAGÉ, 16 DE JANEIRO DE 2018

Ricardo Stricher/ Especial JM

Ricardo Stricher/ Especial JM

Bloco reúne milhares de pessoas na Cidade Baixa O homenageado Jerônimo Jardim e o carnavalesco Zeca Brito

Bloco Maria do Bairro realiza primeiro ensaio aberto do Carnaval de Porto Alegre O Bloco Maria do Bairro, responsável pelo retorno dos carnavais de rua em Porto Alegre, teve, no domingo, seu primeiro ensaio aberto para o desfile deste ano. O evento aconteceu à tarde, na Fundação Iberê Camargo. O samba-enredo deste ano, intitulado “Um Jardim de Purpurina”, foi lançado no mesmo dia. Conforme o cineasta bajeense Zeca Brito, um dos fundadores do Maria do Bairro, o bloco foi criado em 2007, para retomar o Carnaval de rua na capital gaúcha, com a intenção de lembrar a história do samba no Rio Grande do Sul. Ele conta que o Carnaval de rua em Porto Alegre foi interrompido durante o regime militar. O bloco cumpre a função de valorizar a cultura popular e apropriar a Cidade Baixa como um reduto do samba, sendo que pelo local já passaram grandes nomes da música popular brasileira, como Lupicínio Rodrigues, Caco Velho e Jerônimo Jardim. Em 2007 e 2008 foi o único bloco em atividade em Porto Alegre, dando origem, a partir de 2009, a um movimento popular que hoje já ultrapassa 50 blocos de rua por toda a cidade. O Maria do Bairro mobiliza, além de diversos represen-

tantes da classe artística da cidade, como cineastas, músicos, atores, artistas visuais e escritores, a comunidade do samba e moradores da Cidade Baixa e do interior do Estado que não resistem às velhas marchinhas e ao samba no pé do mais tradicional bloco de rua da capital.

Samba-enredo Desde sua fundação, uma das principais características do Maria do Bairro é o samba-enredo, que homenageia a cultura do Carnaval e artistas consagrados da música popular brasileira. A canção deste ano tem autoria de Zeca Brito, Sapiran Brito e Wandi do Cavaco. Na música, são lembrados poemas e letras importantes da carreira do jaguarense Jerônimo Jardim, como “Purpurina”, grande vencedora do Festival da Canção MPB-Shell 81 da Rede Globo e “Astro Aragano”, canção que conquistou a Califórnia da Canção Nativa, em 1985. De acordo com Zeca, a escolha do homenageado desta edição se justifica pela importância de Jardim como um dos maiores nomes gaúchos na MPB. O artista, de 72 anos, teve canções interpretadas por Elis Regina, Shana Müller e Lucinha Lins. “A homenagem reconhece

a importância de um dos compositores mais sofisticados da música brasileira, que nunca perdeu os vínculos com a cultura popular”, resume Zeca. O carnavalesco também destaca a afinidade do compositor com o Maria do Bairro, “Jerônimo tem uma grande afinidade com o bloco, é uma pessoa que incentiva e tem carinho pelo trabalho que a gente faz. Então, de alguma maneira, é como homenagear um dos integrantes, uma pessoa que fez o bloco acontecer”diz.

Atrações confirmadas

A já tradicional Banda do Bloco, formada por 16 integrantes que tocam clássicos do samba e marchinhas de Carnaval, já está confirmada para essa edição. A festa também contará com convidados especiais, como a bateria mirim Areal da Baronesa do Futuro, escola de samba formada por 70 crianças, além de cantores e carnavalescos, que subirão no trio elétrico para cantar e homenagear o compositor gaúcho Jerônimo Jardim. A agenda do bloco ocorre anualmente, desde 2007, na Cidade Baixa, na rua Sofia Veloso, e este ano acontecerá no dia 3 de fevereiro, das 17h às 22h.

11

Economia Solidária oferece novo curso de pintura automotiva O projeto Economia Solidária Km 21 oferece o curso de pintura automotiva desde o final do ano passado. De acordo com o secretário municipal de Assistência Social, Habitação e Direitos do Idoso, Carlos Adriano Carneiro (Esquerda), a proposta de uma nova unidade foi autorizada pelo governo federal após uma visita positiva dos fiscalizadores do projeto. “Eles ficaram muito satisfeitos com a forma como estamos orientando os alunos e formando mão de obra qualificada para o mercado de trabalho”, conta. O orientador do novo curso, Bleno Martin, explica que já foram reparados 35 veículos desde a abertura da unidade. “Atualmente, temos duas turmas, uma de manhã e outra à tarde, com cerca de 15 beneficiários matriculados, no total. Assim que chegarem novos

insumos esperamos abrir atendimento para automóveis e pintura de bens duráveis, como refrigeradores e assemelhados”, destaca. Durante as aulas são ensinadas técnicas de espelhamento, polimento, pintura, entre outras. O aluno Uélerson Dutra comemorou a vaga para a qualificação e pretende trabalhar no segmento no futuro. “Sempre gostei da parte da mecânica e reparos em automóveis, estou aproveitando a oportunidade para me aperfeiçoar e fazer desta minha profissão”, declara. Para integrar a fila de espera para os cursos do projeto Economia Solidária, o interessado deve entrar em contato com a secretaria através dos telefones (53) 32475290, (53) 3241-6005 ou (53) 3241-0055, ou ir diretamente na sede da pasta, localizada na avenida São Judas Tadeu, 796.


www.jornalminuano.com.br

BAGÉ, 16 DE JANEIRO DE 2018

Edibar

12

Lazer

Deus Salve o Rei - GLOBO - 19h30min

Catarina pede a Lucíola que não conte a Augusto sobre Constantino. Afonso revela a Cássio que está apaixonado por Amália. Amália comenta com Tiago que ficou intrigada ao ver Virgílio e Diana passeando juntos. Afonso ignora o pedido de Samuel sobre a mina de ferro, que sofre risco de desmoronamento. Catarina avisa a Constantino que não se casará com o marquês. Betânia comenta com Brumela que a tristeza de Afonso está associada à paixão por uma mulher. Afonso avisa a Cássio que irá a Artena resolver sua situação com Amália, sem revelar sua verdadeira identidade. Amália escreve uma carta para Afonso. Cássio alerta Afonso para a possibilidade de faltar comida para o povo por conta da escassez da água. Romero mente para Olegário, dizendo que Ulisses está indo bem na academia. Catarina finge comemorar a volta do marquês. O mensageiro retorna com a carta de Amália, e afirma que não há nenhum ferreiro em Montemor com o nome de Afonso.

O Outro Lado do Paraíso - GLOBO - 21h

Horóscopo

Samuel (Eriberto Leão) afirma a Sophia que não prejudicará Clara novamente. Gael diz a Clara que irá ajudá-la a conseguir a guarda de Tomaz. Caetana aconselha Patrick a desistir de ajudar Duda. Nádia informa Bruno que marcou um jantar para tentar se reconciliar com Raquel. Cido pede demissão. Nádia pega o dinheiro da propina com Sophia. Amaro beija Estela. Mariano diz a Juvenal que desconfia do caráter de Amaro. Lívia se encontra com Mariano. Sophia faz fotos de Raquel com o celular. Adriana reclama de não conseguir convencer Duda a falar sobre sua vida. Renato recrimina Clara por acreditar em Gael. Adinéia pede para Samuel morar em sua casa com Cido. Nádia arma para atrasar Bruno para o jantar. Laura e Rafael veem Tônia esperando Bruno no restaurante. Raquel vê Tônia beijando Bruno. Juvenal tenta alertar Estela sobre Amaro. Cido aceita morar na casa de Adinéia. Sophia acorda com Rato e planejam um atentado contra Raquel.

ÁRIES Planos para a carreira ganham força total desde já, mas principalmente a partir de amanhã você vai poder se movimentar para realizar o que se propõe. Trace suas estratégias.

TOURO O que você precisa fazer para alcançar suas metas? Aliás, quais são essas metas? Você terá um caminho a pavimentar para chegar onde quer. Estudos e viagens podem ter a ver com isso.

GÊMEOS É tempo de uma transformação daquelas —você não será mais o mesmo(a). O que está duro para você? Precisa ter clareza emocional para lidar com seus recursos emocionais e financeiros.

CÂNCER Que relações são essenciais, que pessoas já mostraram que você não pode esperar muito? Associações serão redefinidas, até porque você está super precisando de uma boa estrutura.

LEÃO Qualidade, eficiência, humildade. Nada disso parece glamoroso, mas é o que tem para agora. As coisas precisam funcionar, inclusive a saúde. E você se sente testado(a). Disciplina.

VIRGEM É a sua hora de cuidar dos seus desejos e projetos. É como uma reinvenção pessoal, mas agora de uma maneira muito mais sólida. Autoridade (p) materna. Mas o amor tem que ser doce.

Palavras Cruzadas

José Augusto convida Lucerne para sair e faz elogios. Teodoro garante a Olinto que armará contra Conselheiro. Balbina diz a Pepito que teme deixar a casa de Bernardo e Alzira. Lucerne afirma a Gilberte que fará com que José Augusto equilibre as finanças do cabaré. Edgar reclama com Artur sobre a atenção aos artigos de Olímpia. Artur aceita o convite de Alzira para jantar em sua casa. Isolina incentiva Raimundo a lutar por Nicota. Conselheiro anuncia a Maria Vitória que promoverá um jantar para seu pai. Leonor não acredita no bom comportamento de Lucinda. Reinaldo desconfia da gravidez de Eunice. Inácio comenta com Angélica que teme que Maria Vitória não o ame mais. Delfina contrata Vasco para ajudá-la na ausência de José Augusto. José Augusto encontra Celeste Hermínia.

LIBRA

Agora que o passado está ficando para trás, você vai poder estruturar uma nova base. Tudo que precisar ser resolvido em casa com pais, cônjuge, filhos: assuma suas responsabilidades.

ESCORPIÃO Perceba e aceite a realidade como ela é e poderá se movimentar, comunicar e negociar com mais propriedade. Talvez considere a necessidade de ter mais técnica e conhecimento: aprendizados.

SAGITÁRIO Trabalho, dinheiro, patrimônio, recursos materiais em geral: tudo que for da ordem do concreto é o que você precisa organizar agora. Essa estrutura será fundamental para sua estabilidade.

CAPRICÓRNIO Mais de metade dos astros aglomerada em Capricórnio até a lua nova amanhã. Sente a pressão? Você precisa reconhecer seu papel na sua própria história. Cuidado com julgamentos.

AQUÁRIO Está sendo um período pré-aniversário e tanto, muitas conclusões e finalizações. Resguarde-se e descanse mais nesse início de semana, enquanto algo vai sendo efetivamente preparado.

PEIXES É preciso agir com retidão, já que você está mais sujeito(a) ao julgamento social. Nesses dias, as peças estão sendo mexidas no tabuleiro, então você saberá qual o seu lugar.

Loterias

Novelas

Tempo de Amar - GLOBO - 18h30min

FEDERAL

LOTOFÁCIL

LOTOMANIA

Sorteio: 05249

Sorteio: 1612

Sorteio: 1831

02 03 04 05 07

01 03 05 06 09 11 26 29 31 35 53 54 62 63 66 70 79 80 87 91

1º prêmio 2º prêmio 3º prêmio 4º prêmio 5º prêmio -

45841 13775 52112 11228 35922

11 12 14 15 18 21 22 23 24 25

DUPLA-SENA

MEGA-SENA

QUINA

Sorteio: 1743

Sorteio: 2004

Sorteio: 4581

01 05 14 23 35 45

06 13 33 57 59

1º- 04 11 18 19 20 25 2º- 03 04 24 29 37 39


Cidade

www.jornalminuano.com.br

BAGÉ, 16 DE JANEIRO DE 2018

ARQUIVO/JM

13

Daeb prorroga vencimento das contas O Departamento de Água, Arroios e Esgoto de Bagé (Daeb) prorrogou o vencimento das contas deste mês para o dia 29 de janeiro. Os boletos ainda estão sendo entregues em algumas regiões. A autarquia observa que agora é possível pagar a fatura sem precisar retirar a segunda via, mesmo após o vencimento, assim como acontece com as contas de energia e telefonia.

Medida viabiliza manutenção do serviço até final do mês

Aditivo garante contrato de médicos na Upa O contrato com os médicos que atuam na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) 24 Horas de Bagé terminou à meia-noite. A atuação dos profissionais, entretanto, será mantida até o dia 31, por conta de um aditivo assinado pela prefeitura, com a empresa que presta o serviço. O secretário municipal de Saúde e Atenção à Pessoa com

Deficiência, Mário Mena Kalil, explica que foi realizado um aditivo com a União Cooperativa Médica (Unicoopmed) para garantir os trabalhos. “Não irá acontecer nenhum problema. Os médicos seguirão trabalhando nos plantões e a comunidade será assistida. Enviamos uma documentação pedindo prorrogação, o que foi aceito e seguirá o trabalho”, afirma.

O coordenador médico da Upa, Rodrigo Marquetoti, garante que todos os plantões serão mantidos. A prefeitura abriu licitação para contratação de empresa que irá prestar serviços médicos de urgência e emergência e pronto atendimento no Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) a na Upa. O processo, porém, está suspenso para diligência técnica.


14

Segurança

www.jornalminuano.com.br

BAGÉ, 16 DE JANEIRO DE 2018

Homem é preso por Delegado federal de Bagé portar arma de é transferido para o Acre uso restrito ARQUIVO/JM

Na madrugada de ontem, Matheus Rodrigues Robaina, 20 anos, foi preso pela Brigada Militar, na rua Paulo Correa Lopes, bairro São Bernardo, portando um revólver calibre 32, de uso restrito. A arma estava pronta para disparo. Ele também tinha com um cartucho do mesmo calibre. Conforme o registro de ocorrência, o acusado assumiu ser proprietário do revólver. Robaina es-

tava trafegando em um veículo quando foi abordado pelos policiais e na revista do interior do carro foi encontrada a arma. Ele não possuía Carteira Nacional de Habilitação (CNH). O veículo foi recolhido para o depósito e o acusado preso em flagrante. Ele foi levado para a Delegacia de Polícia de Pronto Atendimento (DPPA) e encaminhado ao Presídio Regional de Bagé (PRB).

O delegado Rafael Francisco França foi nomeado para o cargo de delegado executivo da Superintendência Regional de Polícia Federal no Acre. França deixou o cargo de delegado de Polícia Federal de Bagé em dezembro do ano passado. Ele atuava no município desde novembro de 2015. Ainda não foi definido o novo titular da delegacia bajeense. O delegado federal Sérgio Rovani de Athayde Ferreira exerce a função como substituto.

Adolescente é atropelada na avenida Marechal Secretário municipal de segurança Floriano recomenda atenção em período de férias Rafael França atuava no município desde 2015

Na madrugada de ontem, uma funcionária da Santa Casa de Caridade de Bagé comunicou para a Brigada Militar que uma adolescente de 15 anos deu entrada no pronto-socorro após ter sido atropelada na avenida Marechal Floriano.

Conforme o relato da vítima aos policiais militares, um veículo Parati, cor preta, a atropelou próximo ao Condomínio Bela Itália. Ela informou que o condutor fugiu do local. A jovem sofreu uma fratura no pé esquerdo e permaneceu internada para fazer exames.

Secretaria realiza fiscalização em ponto de táxi Bagé conta, atualmente, com 37 pontos de táxi distribuídos em diversas áreas da cidade. Para dar tranquilidade a quem utiliza os serviços e aos próprios profissionais, a Secretaria Municipal de Segurança e Mobilidade Urbana realiza, desde a semana passada, a verificação de motoristas e dos automóveis. Segundo o chefe dos agentes de fiscalização, Elias Barreto Duarte, está sendo averiguada toda a documentação dos veícu-

los. A previsão é que todos os pontos sejam visitados até o final da semana. “Precisamos dar segurança para os usuários deste tipo de serviço, por isso é essencial que façamos esta atividade regularmente. É uma atuação que traz benefícios para todas as partes”, afirma. O taxista Carlos Irineu Fontes concorda com a ação. “É muito bom que seja realizado este tipo de trabalho, pois a organização é fundamental”, pontua.

Óbitos MARIA CELEDINA FERREIRA DAMASCENO, 90 anos, dona de casa, viúva. Morava na rua 20 de setembro. Deixa as filhas Leda, Neusa, Maria Helena e Maria de Fátima. ÂNGELA MARIA FREITAS, 61 anos, dona de casa, viúva. Morava na rua Dom Ângelo Mugnol. Deixa os filhos Émerson, Max Alan, Márcio, Simon e Marilaine.

O secretário municipal de Segurança e Mobilidade Urbana, Paulo Véras Simões Pires, elaborou recomendações de férias para garantir a tranquilidade dos bajeenses. Ele recomenda, para os que irão viajar, que não comentem em aglomerados de pessoas sobre a viagem e peça para um vizinho, de confiança, que lhe avise sobre qualquer irregularidade na casa. O titular da pasta sugere, quando possível, a contratação de

um caseiro ou uma empresa de segurança. Ele também sugere que seja solicitado a um parente que visite a casa para indicar que ela pode estar ocupada. Para os que ficarão em casa, Véras observa que é importante considerar que nesta época do ano a vizinhança fica mais desprotegida, em função das viagens. Ele recomenda, se possível, procurar instalar grades, cercas elétricas, alarmes e câmaras de videomoni-

toramento. “Tudo o que se aplica em segurança não é gasto, mas investimento”, pontua. O secretário comenta que se objetos forem jogados no telhado o proprietário não deve se precipitar saindo à rua. “Pode ser uma isca para o assalto”, destaca. “Se perceber ou alguém avisar sobre a presença de suspeitos nas proximidades da sua casa, observe do interior da residência”, recomenda.

PRF prende idoso por embriaguez ao volante

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) recebeu a denúncia de que um veículo trafegava em zigue-zague pela BR-293. Ao ser abordado, o condutor, de 62

anos, realizou o teste do etilômetro. Na prova foi constatado 0,96 miligramas de álcool por litro de ar e 0,89 na contraprova. O motorista foi preso em

flagrante e encaminhado à Delegacia de Polícia de Pronto Atendimento (DPPA). Ele pagou R$ 1,5 mil de fiança e responderá em liberdade.


Esporte

www.jornalminuano.com.br

BAGÉ, 16 DE JANEIRO DE 2018

Jogos Escolares do Rio Grande do Sul têm nova fórmula

Os Jogos Escolares do Rio Grande do Sul (Jergs), competição organizada pela Secretaria Estadual da Educação (Seduc), e que movimenta 140 mil alunos de 438 municípios, passarão por mudanças em 2018, para se adaptarem aos Jogos Escolares da Juventude, competição nacional dos estudantes-atletas, que também vão estrear nova fórmula. A troca mais significativa se refere à subdivisão da competição nacional, que passa a ter uma fase regional: os 27 estados foram divididos em três grupos de nove, no qual apenas os dois primeiros avançam para a final (eles vão se juntar a outros seis concorrentes, pré-definidos). Essa fase final passará a ter divisão única (eram três) e reunirá apenas 12 participantes - até 2017, os 27 estados ingressavam direto nesta fase final.

“Em termos de conquista de medalhas nacionais, em princípio parece que ficou mais complicado para nós, pois nosso grupo da fase regional é muito forte. Ao mesmo tempo, como São Paulo, Minas e Rio ganharam boa parte das competições, não participarão da fase regional, o que nos beneficia e deixa mais perto de vencer essa fase e passar à final”, analisa a assessora do Departamento de Esporte Educacional da Seduc, Danusa Zanella. Outra mudança prevista para os Jergs diz respeito às datas. As modalidades individuais, como o atletismo, ganharam mais prazo antes, o Estado precisava definir, até o início de agosto, os representantes da categoria infantil (12 a 14 anos), que disputavam os Jogos Escolares da Juventude em setembro. Em 2018, a final ocorre em

novembro, o que dá mais tempo de preparação.

Sistemática

Ainda no caso de um dos quatro esportes coletivos (basquete, futsal, handebol e vôlei, todos no masculino e no feminino), a fórmula classificatória também será diferente em 2018. Mesmo as escolas que ficaram na terceira posição em cada modalidade ainda terão chances de representar o Rio Grande do Sul na competição nacional - até então, só o vencedor poderia disputar a seletiva, contra o vencedor das escolas particulares (Cergs). Os Jergs começam a disputa já no mês de março. Os Jogos da Juventude, neste ano, estão marcados para novembro nas duas categorias.

Grêmio Candiota perde na estreia do Gauchão de Várzea O Grêmio Esportivo Candiota, que representa a região no Gauchão de Várzea, competição organizada pela Secretaria Estadual da Cultura, Turismo, Esporte e Lazer (Sedactel), perdeu por 3 a 0, no domingo, para o time de São Sepé.

Dos três gols sofridos pela representação candiotense, dois foram contra. O próximo jogo é contra o Alegrete, no Estádio 20 de Setembro, na Capital do Carvão. Conforme o técnico e presidente da equipe, João

Roberto da Costa, a vitória, no próximo jogo, mantém o time na competição. “Agora temos que vencer, no próximo domingo. Vamos aproveitar que o jogo é em Candiota e tentar nos manter na competição”, disse.

Atleta da Acorba vence corrida em Gramado

15 Divulgação

O atleta bajeense Pedro Borges, da Associação dos Corredores de Rua de Bagé (Acorba), venceu uma corrida em Gramado, no final de semana. Borges percorreu sete quilômetros e foi campeão na categoria até 24 anos, ficando em oitavo na geral. O atleta trouxe o troféu para Bagé com o tempo de 26 minutos e 50 segundos.

Corredor participou de competição no final de semana


16

Contracapa

BAGÉ, 16 DE JANEIRO DE 2018

www.jornalminuano.com.br ANTÔNIO ROCHA

Legislativo em reforma Por conta da revitalização do plenário Lígia Almeida, sessões da comissão representativa serão realizadas no plenarinho Remídio Garcia

Pág. 5

20180116  
20180116  
Advertisement