Issuu on Google+

l berdade! !

JORNAL

***

Notícia a serviço de Mato Grosso do Sul

Campo Grande - Mato Grosso do Sul

-

Ano 02 - Edição Nº 59

-

***

30 de Setembro de 2012

PAG. 12

Qual a melhor proposta para a Saúde de Campo Grande, na visão de cada um dos candidatos Fortalecer a Santa Casa; construir um Hospital Municipal ou equipar e contra-

tar profissionais para os UPAs; formar parcerias com o governo do Estado no Hospital

Regional ou outra solução, qual afinal seria a melhor medida para resolver o déficit de aten-

ELEIÇÕES: OAB/MS Alexandre Bastos lidera pesquisa entre advogados mais novos Bandeirantes Pesquisa aponta Flavio Gomes como candidato preferido pela população Entrevista

Vereadora Magali Picareli Das mais atuantes vereadoras de Campo Grande, fala das Leis e de como nascem os seus projetos.

PAG. 11

PAG. 02

ção à Saúde Pública na Capital. Neste último bloco de questionamento aos candidatos,

o assunto de maior interesse e críticas da população, conforme apontam as pesquisas.

.com.br Acompanhe diariamente, e fique por dentro das notícias

PAG. 02

Sala vazia de Ceinf pega fogo, 200 crianças são retiradas as pressas do prédio Onda de prefeituras interditadas incendeia eleições no interior do estado Mobilização deve paralisar médicos particulares em outubro Campo-grandense deve gastar mais de R$ 50 para o Dia das Crianças


Página 02 - Campo Grande - MS, 30 de setembro de 2012

com.br

ELEIÇÕES DA OAB MS

Alexandre Bastos lidera pesquisa entre advogados mais novos

Uma pesquisa realizada pelo Instituto Icone/Jornal Liberdade, em setembro de 2012, na modalidade quantitativa, com advogados filiados à OAB/MS nos municípios de Campo Grande, Dourados, Três Lagoas, Ponta Porã, Corumbá, Paranaiba, Coxim, Navirai, Aquidauana, Mundo Novo, Jardim e Fátima do Sul, com amostragem de 400 entrevistas, indicou a clara preferência dos “novos advogados” pela candidatura de Alexandre Bastos. Atualmente 79% dos entrevistados estão exercendo a profissão, e 73% avaliam como positiva a atual administração da Ordem dos Advogados do Brasil – Seccional Mato Grosso do Sul. Apontam como regular, 15% e 3,8% consideram Ruim. Para a eleição da nova presidência da OAB/MS, a ser reali-

zada em novembro, a intenção de votos na Estimulada apresentam o seguinte quadro: Julio Cesar Rodrigues conta com 20,5% das intenções de voto, Alexandre Bastos com 16,8% e Marco Tulio aparece com 13%. Votariam Branco e Nulo apenas 2,3%. Os indecisos somam 47,5% dos entrevistados. A preferência pelo nome de Alexandre Bastos entre os advogados mais jovens – na faixa etária até 30 anos - é de 26,3%. Julio Cesar Rodrigues vem em seguida com 15% e Marco Tulio é o preferido por 11,8%. Votariam Branco e Nulo apenas 2,5%. Ainda não decidiram em quem votar 41,3%. A pesquisa tem coeficiente de confiança de 95% e possui uma margem de erro de 4,9%, para mais ou para menos.

BANDEIRANTES

Pesquisa aponta Flavio Gomes como candidato preferido pela população pesquisa realizada com moradores de Bandeirantes/MS maiores de 16 anos e eleitores no município. Com aplicação de questionários amostras pelos setores censitários urbanos, proporcionalmente ao numero de domicílios do Censo IBGE 2010. O plano amostral é composto pelas cotas de sexo, faixa etária e grau instrução proporcionais ao universo de eleitores (segundo dados do TSE de agosto/12) e pela distribuição geográfica com 150 entrevistas estima-se uma margem de erro total para mais ou para menos de 7,8 pontos percentuais, considerando-se um nível de confiança de 95%. A pesquisa foi registrada sob n MS 00242/2012 no Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso do Sul.

40% 34,67%

40% 35%

24,66%

30% 25% 20% 15% 10% 0,67%

5% 0% 1 Flavio Gomes

Marcio Faustino (PSD) / Maria Mac

Branco/Nulo

NQO

CNPJ: 16.298.659/0001-06R$ 450,00

CNPJ: 16.044.900/0001-70 R$ 450,00

Pesquisa realizada nos dias 23 e 24 de setembro, na cidade de Bandeirantes apontam a preferência do eleitorado por Flavio Gomes. Ouviu 150 eleitores do município. Na Espontânea para prefeito o candidato Flavio Gomes (PR) obteve 40% e Marcio Faustino (PSD) 34,67, votariam Branco ou Nulo 0,67% e os indecisos 24,66%. Na Estimulada para prefeito o candidato Flavio Gomes (PR) obteve 45.33% e Marcio Faustino (PSD) 36,67, votariam Branco ou Nulo 4,67% e os indecisos 13,33%. No índice de rejeição para prefeito o candidato Marcio Faustino (PSD) obteve 12,67% e Flavio Gomes (PR) 10%, não quiseram opinar 77.33%. A empresa Atlas Pesquisas utilizou a metodologia da


!

l berdade!

com.br

DESCOBRIU Tanto fez, enviando até “arapongas” às reuniões dos candidatos, que o governador Puccinelli descobriu o foco da traição que indica voto na proporcional para a coligação e na majoritária para o adversário. O desgaste que sua turma provocou no PMDB.

!

política

Briga entre Bernal e Google é manchete no mundo todo André Farinha A repercussão da briga judicial envolvendo o candidato a prefeito de Campo Grande, Alcides Bernal (PP), e a Google Brasil, ganhou status internacionais. A manchete “Top Google Executive in Brazil Faces Arrest Over Video”, foi estampada na página de m dos maiores jornais americanos, o The New York Times. O assunto da prisão do diretor da filial brasileira da Google, Fábio José Coelho, também esteve presente em outros jornais importantes em torno do mundo, como “The Guardian”, “The Washington Post” e “Wall Street Journal”, o BBC, de Londres (ING), e muitos outros. O assunto trata que a Justiça Brasileira, por meio do Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso do Sul (TRE-MS), expediu um mandato de prisão contra o diretor por não ter obedecido uma ordem judicial para a retirada do vídeo em que o candidato a prefeito de Campo Grande, Alcides Bernal, é alvo de denuncias anônimas.

As notícias internacionais trazem a defesa publicada pela Google Brasil para o caso, dizendo não ter cumprido a determinação porque considera os vídeos como não sendo de propaganda eleitoral negativa. “O Google está recorrendo da decisão que determinou a remoção do vídeo do YouTube porque, em sendo uma plataforma, o Google não é responsável pelo conteúdo postado em seu site”, diz a nota publicadas no The New York Times. O juiz Flávio Saad Perón, da 35º

Zona Eleitoral determinou que a Embratel tirasse o site Youtube do ar em Campo Grande por 24 horas, como punição pelo não descumprimento da ordem judicial, que pedia a retirada do vídeo do site. Por sua vez, a Embratel declarou que irá apenas impedir o acesso ao Youtube de seus clientes, mas não confirmou a data e o horário para isso. A empresa está aguardando maiores informações e explicações de como deverá ser feito o processo.

Lei da Ficha Limpa poderá ser aplicada em âmbito municipal, segundo Paulo Siufi

Autor de Projetos polêmicos, o vereador e presidente da Câmara Municipal de Campo Grande, Paulo Siufi, protocolou na quinta-feira (27), a proposta que acrescenta dispositivos à Lei Orgânica do Município de Campo Grande. O texto que segue o exposto na Lei Complementar Federal nº 135 de 04 de julho de 2010, “Lei da Ficha Limpa” tem autoria de Paulo Siufi e também é assinado pelos vereado-

res João Rocha, Carlão, Magali Picarelli, Herculano Borges e Dr. Jamal Salém. Pela matéria, para fins de preservação da probidade pública e moralidade administrativa é vedada a admissão e nomeação, para cargo, função ou emprego público de pessoas que incidam nas hipóteses de inelegibilidade, previstas na legislação Federal. De acordo com Paulo Siufi, a

iniciativa pretende estender os efeitos da Ficha Limpa aos ocupantes de cargos de comissão em livre provimento na Administração Direta ou Indireta do Poder Público Municipal, bem como secretários e conselheiros municipais, objetivando a aplicação do princípio da moralidade administrativa. Dentre as restrições contidas na proposição estão crimes que atentam contra a economia popular, a fé pública, a administração pública, o patrimônio público, patrimônio privado, o sistema financeiro, o mercado de capitais, o meio ambiente, a saúde, a vida, a dignidade sexual, o tráfico de drogas, a lavagem de dinheiro, o abuso de autoridade e outros. As hipóteses de inelegibilidade já existentes para os pretendentes a mandatos públicos estão descritas na proposta como vedações para aqueles que pretendem exercer cargos comissionados na Administração Pública do Município de Campo Grande.

Campo Grande - MS, 30 de setembro de 2012 - Página 03

SONHO MATEMÁTICO Na troca de sopapos entre os tops de pesquisas, Reinaldo e sua turma ficam na torcida para que a luta termine em nocaute ao invés de contagem por pontos. Se caso de um deles ir à lona, retira o roupão de plumagem tucana e encara o resto da briga.

Vacina

Está em tramitação na Câmara Municipal de Campo Grande, o Projeto de Lei que autorizado o Poder Executivo a instituir o Programa de Vacinação em Professores, Profissionais de Apoio e Voluntários que lidam com crianças e adolescentes em Instituições de Ensino no âmbito do Município de Campo Grande. A proposta, de autoria do vereador Paulo Siufi, visa estabelecer diretrizes básicas para a implementação de medidas de proteção à segurança e à saúde desses profissionais que habitualmente estão expostos a agentes biológicos nocivos à saúde.

Odontologia

O vereador Mario César é autor do Projeto de Lei que dispõe sobre a obrigatoriedade da presença de profissionais de odontologia nas unidades de terapia intensiva, no município de Campo Grande. Pela proposta caberá ao profissional de odontologia, o atendimento preventivo e de emergência aos pacientes internos naquelas unidades.

Estacionamento

Tramita na Câmara Municipal de Campo Grande, o Projeto de Lei, de autoria do vereador Alex, que estabelece a criação de ponto especial para estacionamento e circulação de táxi em todos os eventos públicos, na Capital. Para o autor da matéria, a iniciativa significará uma nova realidade para os passageiros e para os profissionais taxistas, possibilitando um tratamento diferenciado e de extrema qualidade e segurança para os passageiros.

COXIAS POLÍTICAS Creginaldo Câmara

“Uma boa frase cria a sua verdade. É por isso que os políticos escolhem meticulosamente os seus slogans para criarem a deles.” – VERGÍLIO FERREIRA foi um escritor Português, falecido em março de 1996. O PT não conseguiu empolgar os estudantes em defesa do ex-ministro JOSÉ DIRCEU (PT) de condenação quase certa sobre o tema Mensalão, tem na figura do Produtor de Cinema LUIZ CARLOS BARRETO de estreita amizade com JOSÉ DIRCEU, levar alguns artistas de renome às ruas para influenciar o julgamento do STF. Os sorrisos de DIRCEU se acabaram, agora é o salvem-se quem puder. Até agora, as pesquisas divulgadas em CAMPO GRANDE/ MS apontam o Deputado Federal EDSON GIROTO (PMDB) e o Deputado Estadual ALCIDES BERNAL (PP) como prováveis candidatos ao segundo turno. O pleito está em aberto, um segundo turno de resultado eleitoral imprevisível, pois o número de indecisos é alto. Briga eleitoral muita boa essa na proporcional entre ZECA do PT e o menino OTÁVIO TRAD (PT do B), é o que ilustra a última Pesquisa IPEMS, a de Protocolo nº 209/2012, aquele instituto que ainda não errou no Estado, são vinte anos de trabalho. ZECA está na frente com OTÁVIO TRAD na cola. O atual vice-prefeito EDYL ALBUQUERQUE (PMDB) candidato a vereador teve um mês de agosto morno, já no mês de setembro turbinou a sua campanha. Duas figuras com chances de fechar à fatura as prefeituras, logo no primeiro turno: o Prefeito candidato à reeleição MURILO ZAUITH (PSB) e o candidato a Prefeito em CORUMBÁ/MS, o Deputado Estadual PAULO DUARTE (PT/MS). Nessas cidades o pleito parece mamão com açúcar, ambos só crescem nas pesquisas, parece que tomaram anabolizantes só demonstram musculatura eleitoral.


Editorial

!

com.br

!

Página 04 - Campo Grande - MS, 30 de setembro de 2012

l berdade!

Crônica

André Farinha

SEM CHANCES DE RECONCILIAÇÃO O aprimoramento das regras eleitorais é mais que urgente, pois estão atrasadas no que se pode considerar, pela velocidade das mudanças que a sociedade assiste, em séculos. Não importa aos candidatos, aos institutos, à mídia que divulga os resultados, mas seria lógico questionar a população, em pesquisas, o grau de conhecimento dos currículos, programas partidários e propostas de cada candidato da majoritária. Cremos que o resultado não surpreenderia. E o que falar da avalanche de candidatos a proporcional, distribuídos pela infinidade de partidos. Candidatos e partidos sem significância, sem nada. Mas a quem, senão à Democracia (governo do povo; governo em que o povo exerce a soberania) e por extensão aos cidadãos, interessa esta mudança que permita ao eleitor optar por aqueles que lhe representarão verdadeiramente e com os quais tenha afinidade de princípios. Democracia e a atual classe política divorciaram-se, sem chances de reconciliação. Somos cúmplices, sim. Quando calamos em relação ao desmoronamento da educação, que é brindada com sacolas de beneplácitos sociais. Investir na melhoria da qualidade de ensino desde as séries iniciais, instituindo além de salários e condições dignas aos professores, promoções meritórias, bem como aos alunos, para que estejam preparados para ingressar no ensino superior, todos em igualdade de condições. Preferimos as cotas, ou resolvemos dois problemas que sequer deveriam existir quando sustentamos através do Prouni, faculdades e universidades fadadas à falência pela baixa qualidade do ensino. Um povo só exerce seus direitos quando conscientes destes, e a conscientização passa por uma sociedade mais que letrada, culta. Fragilizaram o povo endeusando aqueles que deveriam ser seus representantes. Cabe a cada um se apresentar à luta, questionando, desmoronando o castelo de cartas das mentiras repetidas como mantras, descortinando o palco desta apresentação bufa, até que as regras sejam mudadas, até que as ideias prevaleçam.

EXPEDIENTE: PUBLICAÇÃO DA EMPRESA GRAFICA E EDITORA LIBERDADE LTDA CNPJ: 13.815.091.0001-65 Diretor: Washington Sanches - DRT 596/MS Comercial: Ana Frazão - MTE 1024 Diagramação: Kamila Penteado Escobar Redação: Dirceu Martins de Oliveira - DRT 057/MS André Farinha - MTE-1061 Juridico: Dr. Seriberto Henrique de Almeida e Dr. Janio Herter Serra

www.jlnews.com.br - Fan Page: JL News CONTATO: liberdadems@hotmail.com - contato@liberdadems.com.br Fone: (67) 3043 - 0013 (67) 3201-7408 (67) 8122-9813 Av. dos Estados, 280A - Jardim dos Estados - Cep 79002-523 Campo Grande - Mato Grosso do Sul

O sabor da nova Praça Ary Coelho Os primeiros passos foram estranhos, era como se estivesse entrando num lugar desconhecido, nunca antes explorado. Coberta por grades negras que a fingem proteger, a nova Praça Ary Coelho deixou de ser o que sempre foi, uma praça. Como define o significado popular da palavra, “local com livre acesso a qualquer momento”, o palco principal daqueles que passam pelo centro de Campo Grande, agora tem horário para funcionar. A poesia urbana não poderá mais trabalhar depois das onze horas da noite. O olhar brilhante dos presentes na praça parece afirmar que a cidade gostou do novo visual, e eu, critico fiel a tudo, precisei parar diante dela de boca aberta, encantado com elegância que agora está. A nova fonte luminosa ficou mesmo belíssima, com luzes espalhadas e flores coloridas a contornando. O barulho dos jatos d’água jorrando é algo inédito para meus ouvidos, não me lembro da última vez que a vi funcionando devidamente como agora. Logo senti a falta do cheiro dos suculentos churros, esquecidos pelo governo, os carrinhos que antes marcavam presença na praça não foram reformados, tornaram-se as principais vítimas da mudança que transformou o maior símbolo da região central em um cenário tão atípico comparado as demais metrópoles. Pergunto-me se também expulsaram os picolezeiros, o vendedor de algodão doce que tanto encanta as crianças, o tio que vende antenas de televisão em pleno século

dos televisores digitais, até mesmo os cl��ssicos hippies e suas pulseiras, e tantos outros personagens que ajudam a montar o cenário de uma verdadeira praça urbana. Para onde foram todos? Após rodear a fonte, ainda hipnotizado com o jogo de luzes piscando e o som que emanava de uma caixa instalada próxima a ela, tentei buscar por uma das cinco saídas da praça e acabei me perdendo na escuridão. Parece que entre tantas mudanças, a Prefeitura se esqueceu dos faroletes para iluminá-la do lado dentro ou simplesmente manteve as velhas lâmpadas impróprias que atuam nos postes de energia de toda a cidade. Precisei ficar um tempo parado no meio da praça, olhando para os lados feito um turista perdido a procura do caminho certo para continuar o trajeto. Pude ver a movimentação das pessoas já acostumadas com ela, até que conseguir me encontrar no meio de corredores que circulam entre árvores e grades. Uma última primeira impressão antes de sair pela primeira vez da nova praça, o parquinho novo sem crianças brincando e o canto dos aposentados completamente vazio talvez seja por conta do horário. Os banheiros bloqueados por catracas ficam debaixo do coreto, bancos espalhados, uma academia de ginástica, e a pérgula que dá origem ao corredor dos apaixonados. Parti balançando a cabeça, passei pelo gigantesco portão em busca de um carrinho de churros, a nova praça é bonita, mas não tem sabor.


l berdade! !

com.br

Campo Grande - MS, 30 de setembro de 2012 - Página 05

Em Ribas do Rio Pardo, aquecimento na campanha põe Roberson com vantagem Aviso aos Sensíveis

Candidatos a prefeito de Ribas do Rio Pardo: Roberson Moureira, Ze Cabelo e Dr. João Alfredo

No momento em que as campanhas se afunilam e o horizonte eleitoral se define nas eleições majoritárias, em Ribas do Rio Claro, onde as pesquisas apresentavam um quadro de empate técnico, neste momento indicam um viés de alta para o atual prefeito Roberson Moureira em relação ao candidato Zé Cabelo, com sua candidatura deferida com recurso, seguindo pelo ex-viceprefeito João Alfredo que tem sua candidatura indeferida com recurso. Em que pese a ameaça de terem suas candidaturas impugnadas, Zé Cabelo e João Alfredo apareciam com destaque nas pesquisas, beneficiados com o fato de terem tempo disponível, visto que não tinham expediente a cumprir, diferente do prefeito que cumpria agenda

integral em suas funções público-administrativas. A partir dos comícios e reuniões, o quadro se inverteu, pois a população passou a tomar conhecimento das diferentes propostas e currículo de realizações de cada candidato. Neste quesito, João Alfredo foi o que pior desempenho apresentou por não ter serviços prestados para a coletividade, em que pese os diversos processos que moveu contra a Prefeitura, porém todos visando benefício próprio ou de terceiros, e o fato da real possibilidade de impugnação de sua candidatura. Os índices otimistas insuflados pelo apoio do governador André Puccinelli, que projetavam o possível retorno de Zé Cabelo tiveram sensível declínio quando a campanha efetivamente foi

às ruas e os eleitores foram chamados ao inevitável comparativo de realizações. Pesa ainda contra o candidato o fato de haver sido cassado durante sua gestão e responder na justiça diversas aplicações de verbas mal explicadas. Roberson Moureira, atual prefeito, demorou para deslanchar nas pesquisas. No início contava apenas com as intenções de voto declaradas mais à sua gestão do que à sua campanha. Alvo natural da oposição, manteve seu índice até que efetivamente foi às ruas em campanha. As acusações passaram a ser respondidas e seu staff direcionou o discurso de palanque ao comparativo de gestões, o que trouxe o foco para obras e crescimento social, tirando-o do imenso e inseguro mar de promessas.

Dr. Valmir Nantes: um voto para a saúde Indignado com a situação da saúde pública vivida pelos campo-grandenses, Dr. Valmir Nantes (PSDB) entrou na disputa pelo cargo de vereador. Médico há quase 40 anos, trabalhando como plantonista na maternidade do Hospital Universitário, Valmir Nantes concorre a sua segunda eleição, em 2008 obteve 1.030 votos e agora espera ultrapassar a marca e tornar-se o vereador da saúde do povo. Para o doutor, o caos na saúde pública pode ser vista principalmente por quem

trabalha dentro dos postos de saúde e hospitais da cidade. Valmir Nantes afirmou que faltam equipamentos e material para trabalhar. Para o candidato, a demora maior encontrada na saúde pública é quando o paciente, após ser atendido pelo clinico geral, procura pelo médico especialista. “Há uma fila muito longa na porta destes especialistas, se o cidadão está com uma doença degenerativa, ele acaba sofrendo com sequelas e até mesmo a morte. Se não há como contratar

novos médicos então os que já estão dentro dos postos de saúde devem trabalhar para atender a demanda, mas para isso é preciso que eles tenham incentivos, com salários melhores e planos de carreira”, comentou. Segundo o Dr. Valmir Nantes, o voto na saúde é muito importante para o futuro da família. “Nesse momento, quem está com o poder nas mãos é o povo, se votarem numa proposta igual a minha, eles estão votando no futuro, na saúde para os filhos, netos e demais gerações futuras”, finalizou.

Fica de hoje em diante avisado aos sensíveis que sua sensibilidade será considerada pela sociedade de bem como insanidade. Desta data não será mais permitido se sentir tocado, deve-se ser impassível, intocável e caso haja um mínimo de sentimento que possa aflorar aos olhos ou ao canto da boca, que seja suprimido. Aos sensíveis caberá o uso de antidepressivos, desta forma, poderemos evitar crises de choro. Vale lembrar que o choro acalma e que, portanto estando permanentemente calmo, não haverá choro. Assim a calmaria reinará no mundo e os frustrados com quem essa pessoa insana convive poderão continuar a agredi-la veladamente, podendo colocar seus bichos para fora de uma forma muito sutil e poderão continuar menosprezando os insanos para se sentirem mais felizes. Foi descoberta ainda outro tipo de insanidade, trata-se da percepção, a ela, será dado o nome de esquizofrenia moderada, onde o individuo acometido por tal mal não saberá se sua percepção deve-se ao fato de ser atento ou se trata de mera elucubração de uma mente muito criativa. Desta forma, para esses indivíduos, cabem os ansiolíticos que retardarão seu tempo de reação e permitirão aos afetados pelo mal, que não consigam exprimir suas sensações de imediato, e que assim não possam criar constrangimentos aos que fazem coisas que não gostam ou que se sintam

atingidos. Todas as medidas acima descritas serão consideradas definitivas, assim poderemos manter a paz entre os homens, não teremos a rebeldia social que estes indivíduos causam. E aos frustrados com suas vidas e aos invejosos das virtudes e coragem destes seres caberá o rápido diagnóstico de quão insanos são. Assim, estas pessoas de bem da sociedade, que não lutam por sua felicidade, que não tem coragem de assumirem o que são, poderão continuar a vestir o manto da mentira, o manto que os torna invisíveis ao escrutínio público, se furtarão de uma vida de verdadeiro amor, e terão todo o conforto e felicidade externa que pretendem mostrar a todos de sua sociedade. Ficam os insanos responsáveis pelas obras sociais, pela ajuda aos bichos, e por serem divulgadores de um mundo mais justo, com menos desigualdade. Mas saibam... serão sempre perseguidos, pois as obras sociais retiram dos que tem mais, e estes não estão propensos a dividir; a ajuda aos bichos será considerada inócua, pois muitos os veem como meros objetos de satisfação temporária; e os mais insanos de todos, os que lutam pela igualdade, serão os grandes devastadores das riquezas individuais, ainda que não financeiras, a estes, cabe o completo ignorar pela sociedade de bem. Que estas pessoas sejam de hoje em diante, completamente ignoradas. Porém de forma sutil, pois lembrem-se: nem todos estão ainda medicados.


l berdade!

Nova Alvorada

Notas frias somam R$ 16 mil em obras inexistentes

Prefeito Arlei Silva Barbosa, se defendeu através de nota.

A

s notas e recibos apreendidos na terça-feira (25) na Prefeitura Municipal de Nova Alvorada do Sul revelaram gastos surpreenden-

tes de 16 mil reais em obras não executadas. Segundo o Ministério Público Estadual (MPE), as reformas teriam sido realizadas em uma escola, no estádio e no posto de saúde. Na terça-feira, policiais da Gaeco (Grupo de Atuação Especial de Repressão ao Crime Organizado) tomaram conta da prefeitura para o desencadeamento da “Operação Falsário” que cumpriu diversos mandados de busca e apreensão. Dois suspeitos foram ouvidos sobre a investigação, um deles é ex-assessor da prefeitura e atual candidato a vereador no município, Edmar Souza da Silva, popularmente chamado de “Biro-Biro”, e o segundo é

com.br

!

Página 06 - Campo Grande - MS, 30 de setembro de 2012

secretário de Serviços Urbanos, Dorival Barbosa Campos. De acordo com as investigações, os prestadores de serviços usavam dados de outras empresas para emissão de notas fiscais, os serviços foram pagos, mas não executados. No início, a investigação conseguiu cópias das notas de obras, o esquema só foi descoberto quando a Gaeco e o Ministério Público foram conferir as reformas citadas nos gastos do município, o que não existia. Em nota, o prefeito de Nova Alvorada do Sul, Arlei Silva Barbosa, declarou que os fatos apurados pela Gaeco se referem às obras pequenas que foram devidamente executadas. “Afirmamos com toda serenidade e responsabilidade de gestor público, que as obras e reformas investigadas estão todas em situação absolutamente regular, com comprovação de execução e contratos formais relativos a todos os fatos, como, de fato, foram passados aos representantes do Ministério Público”, diz nota oficial do prefeito.

Eleições 2012

Donizeti Oliveira quer resgatar a dignidade política de Campo Grande é apenas a saúde pública que precisa de atenção, mas também diversos outros setores importantes para o desenvolvimento da Capital. Policial civil aposentado, Donizeti atuou dentro da área de perícia técnica por mais de 30 anos, foi também diretor sindicalista por dois mandatos. O candidato garante que neste tempo de serviço público prestado pode conhecer Campo Grande a fundo. “Eu sei onde Buscando a sustentabili- dentro da Câmara Municipal, pode e se deve atuar dentro da dade para Campo Grande, sabendo das coisas boas e cidade para melhorar a quaDonizeti Oliveira (PV) quer ruins da cidade, o candidato lidade de vida dos cidadãos”, resgatar a dignidade política a vereador ressalta que não disse.

Artigo Rosildo Barcelos

Minha alma chamamezeira ¡Qué dulce encanto tiene en mi recuerdo, Merceditas, aromada florecita, amor mío de una vez! La conocí en el campo, allí muy lejos, una tarde, donde crecen los trigales, provincia de Santa Fe. São três manifestações culturais do Estado de Mato Grosso do Sul com a classificação de patrimônio histórico imaterial: o tereré, a cerâmica Terena e o banho de São João de Corumbá. Esta é uma forma de preservar a cultura local e valorizar os hábitos do homem da terra. Mas mais do que isso um item que faz a preservação ser viva é a música. Particularmente acrescento que a música é realmente e verdadeiramente, a cultura que transcende. Conhecer a música, os tons e suas estórias fazem aflorar a perspicácia, a resiliência e apresentam os grandes sonhos;até porque todas as sociedades mesmo as distintas, possuem uma memória inconsciente de ancestralidade. E como esquecer 19 de setembro – Dia do Chamamé – ritmo que oferece não só a mim mas a tantos, inúmeras saudades, e a vontade de perscrutar no passado, os fundamentos das canções. Ainda esta semana em um vôo ao lado do Senador Moka eu lhe contava a história da música mercedita e que tenho o prazer de recontar: Eram idos de 1939, quando Ramon Sixto Rios, nascido na antiga cidade da Federación, no auge de seus 27 anos chegou para atuar em um grupo de teatro na Sarmiento Club em Humboldt. Nesta ocasião vislumbrou Mercedes Strickler Khalov ,uma loira de olhos azuis três anos mais jovem e que pela sua beleza e jovialidade já era conhecida como Merceditas. Camponesa e que vivia em uma pousada no entorno da cidade,província de Santa Fé

com a mãe e a irmã,já que seu pai havia falecido quando ela tinha tenra idade. Evidentemente, Ramon, o violeiro ficou deslumbrado com uma garota de vestido branco a quem convidou a dançar.No início uma bela amizade, que logo se transformou num grande amor. Rios teve que voltar às pressas para Buenos Aires, mas continuaram se correspondendo por cartas. Seis meses depois voltou para propor casamento a Mercedes. Ela tinha a aprovação da família, mas não aceitou a proposta. Alguns meses depois do rompimento ela estava em sua casa e ouvia pelo rádio um chamamé muito agradável, quando algo lhe chamou a atenção. Percebeu que na letra da música havia frases que Ramon lhe confidenciara. A música logo virou sucesso e foi gravada inclusive por Cocomarola. O tempo passou, Rios casou-se com outra mulher, ficou viúvo e tempos depois voltou para realizar nova proposta à musa de sua canção mais célebre. Ela novamente disse não. Rios faleceu em 25 de dezembro de 1994, quando ele tinha 81 anos. Seu último ato foi legar os direitos da canção. Mercedes faleceu aos 84 anos, no dia 8 de julho de 2001. Terminou seus dias solteira e sem filhos, com dificuldades financeiras. Morreu numa sala de oncologia do hospital Esperanza de Santa Fé, na Argentina. A história de encontros e desencontros deixou o sabor amargo do amor que não se fez, mas deixou essa belíssima e encantadora canção que atravessa gerações. E todas as vezes que ouço o chamamé não ouço apenas por ouvir. É uma melodia que bate no compasso do coração,do bandoneon,da história e da memória. Remoça a nossa alma chamamezeira. Só tenho a agradecer ao Criador por permitir saber que no dia em que nasci o vento na rua assoviava um Chamamé.


l!berdade!

com.br

Campo Grande - MS, 30 de setembro de 2012 - Página 07

Astro Rezende, por mais trabalho e a Câmara junto ao cidadão Prezados leitores, venho através desta mensagem me apresentar para que vocês possam me conhecer . Tenho 51 anos, sou formado em gestão de políticas publicas e pós graduado em administração publica, pai do Paulo Henrique Gonçalves Rezende de 20 anos e do Bruno Gonçalves Rezende de 18 anos, tenho 30 anos de serviços prestados como servidor público atuando na área de projetos e contratos, especialista em contas públicas. Com minha experiência pretendo monitorar os projetos apresentados e aprovados na Câmara a fim de ver a efetividade dos mesmo bem como o cumprimento dos mesmo. Ser político é uma “arte” que necessita de muito mais que vontade de fazer política, é uma condição inata, não se aprende na faculdade, muito menos é herança genética

Hoje, ser político requer ter uma excelente metodologia de trabalho, antes, durante e pós-candidatura. Deve-se buscar sempre uma formação acadêmica, que aperfeiçoe suas aptidões. Lamentavelmente, existem políticos que entram, saem ou migram em seus mandatos sem se fazer claros, que simplesmente nos constrangem com a sua oratória sem sentido, falando “probrema” e achando que a população não percebe ou que isso é normal. O momento em que vivemos não permite mais esse tipo de político. Já não podemos aceitar ter representantes menos preparados do que nós. Um mandato dura somente quatro anos, mas os estragos que um político ruim provoca perdura por muito, muito tempo e o preço sempre é pago por nós, sendo que esse preço nunca é baixo

A população já está percebendo o valor que seu voto tem e não se deixa mais enganar pelo político ruim. Quando isso for uma prática comum na nossa sociedade, tornar-se político se tornará um cargo que exigirá habilidades e competências, como para qualquer trabalho que precise lidar com o bem-estar dos outros em primeiro lugar, e só os melhores poderão concorrer a esta vaga. Creio que ainda neste século conheceremos o verdadeiro político que não se fez, foi feito por aclamação por seus méritos! Tenho plena confiança nas gerações que estão surgindo agora e nas futuras. Ainda que o Facebook, o Twitter, e outras redes sociais tenham deteriorado o intelecto da maioria, ainda que as opções dos jovens que utilizam a internet sejam as menos construtivas, mesmo que a qualidade de pensamento tenha perdido espaço para

a interação patológica e a produção de ideias tenha sido prejudicada por essa interação, confio na restauração cultural! Não vejo catástrofes pela frente, vejo uma linda aurora após o holocausto que debilita nossos intelectos. Uma crise será

a resposta! E essa crise, oportunidade crucial, já se avizinha, tão logo recobremos o juízo. Pretendo representar os interesses na nossa sociedade e não dos políticos. Vamos adiante na certeza de estar contribuindo para uma sociedade mais justa.

Prof. Vilson Lima quer a educação levada a sério

Candidato pelo PSC Prof. Vilson Lima

CNPJ: 16.051.720/0001-16

possa fazer parte deste projeto; Melhorar o pronto atendimento da Santa Casa e das UPA’s, para que problemas ocorridos diariamente sejam rapidamente constatados e solucionados.

Valor R$450,00

de jovens e adultos nas escolas municipais e estaduais dos bairros da capital. Vilson também quer fiscalizar o programa Saúde Familiar, fazendo com que todos de menor poder aquisitivo

CNPJ: 16.055.838/0001-12 Valor R$450,00

Candidato pela primeira vez Vilson Lima se filiou ao Partido Socialista Cristão. Professor de gramática, literatura, redação e inglês a mais de vinte anos pela rede de ensino particular e municipal da capital. Trabalhar pela educação e pela saúde Vilson vai buscar a qualidade de vida para os professores e toda equipe escolar, oferecendo reconhecimento, auxiliando em projetos e moradia digna a todos Vilson quer que a educação seja levada a sério em sua gestão. Valorizar a classe dos professores ajudando tanto os concursados quanto os convocados, para que todos tenham os mesmos direitos. Conscientizar os alunos da importância de estudar e intensificar a educação


Página 08 Campo Grande - MS, 30 de setembro de 2012

l!berdade!

Bibiane, desenvolver ações pela família e idosos impeçam a cidade, principalmente na sua área central, a entrar em colapso nos próximos anos. A candidata do PR entende ser necessário que se comece a pensar na cidade com 1 milhão de habitantes e os problemas que advirão des-

B

de estacionamentos em função das dificuldades do transporte público. Temos que trabalhar pensando na instalação de um metrô de superfície dentro dos próximos 20 anos” diz a Bibiane. Em seus projetos de curto prazo, Bibiane pretende discutir a criação de clínicas de cuidados aos idosos com problemas de

.com.br

ibiane Ibrahim, formada em Administração com ênfase em Análise de Sistemas de Informação é filha de Michel Sauma Ibrahim e Madeleine Youssef Ibrahim, proprietários da tradicional Confeitaria Árabe, e se propõe, na política, a trabalhar na discussão de fórmulas que

te crescimento. “Hoje é possível notar os transtornos causados pelo excessivo número de veículos que circulam pela área central. Existe um claro problema de falta

saúde e que não contam com atenção integral da família, até porque são pessoas que necessitam trabalhar e não têm condições financeiras que lhes permita pagar profissionais para o cuidado com estes idosos na própria residência. Seriam Centros de Convivência com acompanhamento médico e paramédico administrados pelas Secretarias de Assistência Social em parceria com a Secretaria de Saúde. Para o comércio, seu segmento, quer dar apoio para o desenvolvimento de um cinturão verde de agricultura familiar que supra o mercado de hortifruti do comércio local. “É um absurdo que Campo Grande ainda dependa da importação de legumes, frutas e verduras de outros mercados”, desabafa. Bibiane deseja poder contar com votos dos eleitores das colônias Sírio-libanesa, Turca e Palestina de Campo Grande.

100 95 75

25

Acesse

5 0

R$ 450,00 CNPJ: 16.069.100/0001-04 jornal-SANTINHO

R$ 450,00 CNPJ: 16.093.699/0001-11

segunda-feira, 10 de setembro de 2012 15:41:56

com.br

Defender as mulheres assim como a minoria Quando defendo direitos das mulheres, quero dizer que EU QUERO MAIS. Sei que hoje temos uma mulher na presidência do país, mas, apesar de tudo, ainda somos minoria. Por isso digo: EU QUERO MAIS. As mulheres saíram da submissão machista no século XX. Deu-se inicio as reivindicações femininas: o voto, sair do estado de “rainha do lar”, ocupar espaços que até então eram exclusivos do homem. Mas digo: EU QUERO MAIS, pois ainda existem muitos itens para a igualdade ideal. Mas assim como as mulheres estão saindo da discriminatória situação EU QUERO MAIS e vou além, pois existem em nossa sociedade várias minorias discriminadas que ainda não tiveram a sorte das mulheres; falo das questões raciais, ideológicas, socioeconômicas que fazem o distanciamento entre os privilegiados e os excluídos cada vez em maior quantidade; o salário é o parâmetro mais evidente. Por isso EU QUERO MAIS. Quero mulheres e homens buscando um ideal único em uma sociedade justa e que trate todos os cidadãos com os mesmos direitos e deveres, sejam brancos ou amarelos, de cravo e canelas, sejam católicos, espíritas, judeus, budistas, céticos, heterossexuais, homossexuais ou qualquer sexualidade. Sejam filhos de imigrantes ou filhos de Silvas. Portanto, EU QUERO MAIS. Quero poder representar os anseios de uma parcela da sociedade que reivindica e que precisa de maior atenção. Existem excluídos pela raça, cor, sexo e classe social. Quero que estas pessoas sejam tratadas com dignidade e que sejam desmistificados os conceitos preconceituo-

sos. Falo ainda dos que nascem como “especiais”, aos que hoje são considerados doentes mentais: paranoicos, bipolares, esquizofrênicos. Cito aqui também os viciados e tantas outras disfunções comportamentais; Para tanto EU QUERO MUITO MAIS postos dos CAPS 24 horas. Perseguir, bullinar, assediar é um mal a ser combatido através de um processo educativo nas escolas. EU QUERO MAIS. Quero suavizar os traumas causados por quem tem “problemas” quando interagem com a família e a sociedade. Estes são impelidos à inatividade, falência moral e financeira pelos “pregadores do padrão comportamental”. Como discernir o que é padrão comportamental? Aqueles que sem conhecimento profundo dos problemas alheios, querem consertar as atitudes alheias. EU QUERO MAIS. Quero que esta minoria especial discriminada venha a ter uma conduta correta, passando por especialistas e pessoas envolvidas para haver um consenso das formas de proceder e limitar direitos e deveres de cada um. EU QUERO MAIS. Quero que a nossa minoria deixada de lado pela “idade” tenha uma participação dentro dos limites, mas que tenha o direito de participar mais ativamente da construção desta nação, pois a experiência de vida, as sábias evoluções ganhas na jornada sejam aproveitadas e não descartadas, como é habito comum. Finalmente quero as comunidades respeitadas, organizadas e politizadas participando no processo de um governo que sabe que CAMPO GRANDE NÃO PODE PARAR.

Irene Kemp


com.br

com.br

!

l!berdade!

Campo Grande - MS, 30 de setembro de 2012 - Página 09

social

O Jornal Liberdade esteve na Feira Gestar & kids, conferindo as novidades e quem esteve por lá expondo seus produtos na maior feira especializada Gestantes, bebês e crianças do MS.Você confere aqui.

Danielle Barreto e Ana Karolina da Clínica de Vacinação

Elaine Batista organizadora do evento Gestar & kids

Vanessa Assis e Ivana Davila da Baby Arte

Rosa Paim, Delegada Maura Novais e João Alberto da Toca do Ouriço

Dayane Madureira, Patricia Pedroso, Ketulyn Araújo e Wandya Natyely da Pura Magia

Assunção Salinas

Gabriela Teodoro, Fernanda Teodorò e Mariana Rezende da Click Kids Fotografia Infantil

Fabiana Reis da Foca dos Brinquedos Buffet e Eventos

Ariadne Meneguzzo e Emanoela Pasolini da PhysioSport Studio

Eurcilene Monteiro, Bruna Freitas e Mariana Soraes do Hospital e Maternidade Santa Marina

Jaqueline Moraes e Joelma Beker da Fábrica dos Sonhos Panapaná

Kerty Freitas e Marlene Chaves da Passaporte Brasil

Gleyce Canhete, Julia Córdoba, Jenifer Sanches e Fernanda Saad da Oligo Flora

Karla Silva e Sônia Maria da Mãe Coruja Roupas Infantis

Valdirene da Sweet

Maiko Jossiel, Lídia Schoenherr e Edson Schoenherr da Photo Art

Maira Oliveira da Kumon

Lucia de Cesare e Sabrina Adorno da Lucia Festas e Adorno’s & Afins

tes n ia na

r ema á s ver Da S

Dentista Drª Elaine Agra

i

An

André Luiz Uehara 29/09

Valeria Fernandes 01/10

Eduardo Coelho 27/09


Página 10 Campo Grande - MS, 30 de setembro de 2012

com.br

Vender ou alugar um imóvel é uma decisão que envolve buscar a melhor rentabilidade para o investimento feito naquele bem. Para que isso seja alcançado, é necessário que o imóvel seja atraente para o mercado. Isso não significa, necessariamente, grandes reformas. Às vezes, pequenos reparos em locais estratégicos modificam completamente a apresentação visual e, consequentemente, a

avaliação que o interessado fará, favorecendo o fechamento de um bom negócio. 1 -Reparos importantes O primeiro passo é dar atenção aos reparos menores, como a troca de azulejos quebrados, o conserto de vazamentos, rachaduras e furos nas paredes ou forros e a substituição de maçanetas e tomadas com defeit

2- Mantenha o imóvel limpo e organizado. É importante tornar o imóvel acolhedor, para que os visitantes se sintam em casa. 3- Uma boa pintura faz a diferença. Se a pintura do imóvel estiver manchada ou em cores fortes e chamativas, pinte novamente em tons neutros, como bege, gelo ou branco. 4- Cuidado com móveis e objetos pessoais. Se você ainda estiver morando no imóvel enquanto tenta negociá-lo, deixe a decoração o mais neutra possível. 5-Instalações elétricas e hidráulicas, em relação às reformas estruturais, como aquelas feitas na parte elétrica ou hidráulica, o reparo ou modernização ajuda a valorizar o imóvel. Mas, antes de gastar tempo e dinheiro nesses reparos, verifique se a falta irá prejudicar o negócio. No caso da venda, por exemplo, a sugestão é deixar claro para o comprador que esses ajustes serão necessários após a compra.

R$ 450,00

Como preparar o imóvel para vender ou alugar


l!berdade!

com.br

Campo Grande - MS, 30 de setembro de 2012 - Página 11

Nós temos que continuar buscando aprimorar sempre Entrevistar a vereadora em três mandatos Magali Picarelli é uma tarefa prazerosa, em face dos inúmeros Projetos seus que se tornaram Leis e hoje beneficiam principalmente crianças, mães e idosos. Por outro lado o exíguo espaço da página para expor todo o trabalho desenvolvido pela vereadora durante estes 12 anos, perde um pouco de conteúdo e das histórias reais que motivaram cada um dos Projetos.

Dirceu Martins Liberdade MS: Como a senhora avalia os trabalhos da Câmara Municipal em apoio e críticas fundamentadas à atuação do Executivo? Magali Picarelli: Nós temos uma Câmara atuante, no geral ela foi atuante tanto nos trabalhos que compreendem os estudos de propostas quanto nas análises do material enviado pelo gabinete do Prefeito. Liberdade MS: Como a senhora avalia sua atuação nestes três mandatos? Magali: Eu considero que tenho desenvolvido um bom trabalho social. Antes de me lançar na política, eu ministrei aulas em Campo Grande, e até ai eu fiz trabalho social, pois meu primeiro trabalho foi num projeto da educação, depois eu fui dar aulas no [Escola Municipal João] Nepomuceno, para um anexo que era em uma favela, e nós dávamos aula e desenvolvíamos um trabalho voltado às famílias. Acredito que neste momento eu comecei, efetivamente a desenvolver meu trabalho social. Liberdade MS: O cargo de vereadora, então, lhe permitiu agir com maior abrangência? Magali: Sim, pois eu passei a ter, também o parlamento para desenvolver ações, fazer leis com cunho social. Quando a gente faz pelos que mais precisam, e meu objetivo é este apesar de beneficiar a todos da mesma forma, é uma política social. Liberdade MS: Você acredita que Campo Grande se destaca no aspecto de proteção social? Magali: Tem deficiências que precisam ser

melhoradas. Eu até não culpo tanto o executivo com relação a isto, pois a demanda é muito grande em nossa cidade que cresce acima da média. É difícil acompanhar esta demanda, administrar Campo Grande não é fácil. Veja, você constrói um Ceinf num bairro com determinada população e pouco depois a demanda exige mais vagas em face do crescimento acelerado daquela região. Liberdade MS: Antes de nós elencarmos seus Projetos que se tornaram Leis e que têm beneficiado a população, qual o projeto que ainda não avançou e que lhe é caro? Magali: Um projeto, que eu menciono nas reuniões e todos querem ver aprovados é em relação às calçadas. Venho lutando por ele há tempos e, em conversas com o Giroto ele me sinalizou que, se eleito, vai trabalhar pela sua aprovação. Liberdade MS: E em que consiste este projeto? Magali: É a calçada social. As pessoas têm um ônus com as calçadas. Tem pessoas que podem construir suas calçadas, bonitas, com acessibilidade, no entanto, tem aqueles que não podem. Acontece que quando a rua é asfaltada e o meio-fio colocado, eles são intimados a construírem suas calçadas em determinado tempo, sob pena de serem multados caso não o façam. O que acaba acontecendo é que eles acabam tendo de tirar o dinheiro, muitas vezes da alimentação, e constroem sem a ajuda de um profissional, e as calçadas ficam fora do padrão exigido pela Lei de Acessibilidade. E, neste caso, são novamente notificados porque está fora das especificações. O projeto

prevê que a Prefeitura assuma a construção destas calçadas, que é de domínio público. Liberdade MS: E a Prefeitura faria a cobrança somada à taxa de asfalto? Magali: Não, eu penso em calçada social, sem cobrança. Poderia ser uma contrapartida da empreiteira encarregada do asfalto. Alguma forma a ser definida pelo executivo. Afinal, a exigência de calçamento, além das rampas e do piso tátil, é uma faixa de 1,5 metros. Faz muito tempo que eu tento fazer este projeto ser aprovado. Liberdade MS: Mais algum Projeto em andamento ou em estudo que você gostaria de comentar? Magali: Tem um dos professores que gera certa polêmica. É a instituição da ginástica laboral nas escolas, que atenda os professores com fisioterapeutas e psicólogos. Eles não necessitam ficar em uma escola, mas poderiam atender por regiões, se deslocando entre as escolas. Hoje nós temos um grande efetivo de professores em licença médica por problemas ortopédicos e, principalmente por depressão, que acaba evoluindo para a síndrome do pânico. Sem esquecer que as crianças já possuem psicólogos para o seu acompanhamento, ainda que existam problemas de agenda, mas eles desenvolvem um

bom trabalho. Isto tem que ser estudado pelos profissionais da área e pelos técnicos da Secretaria de Educação. Acredito que vá ser muito bom para os professores. Liberdade MS: As escolas em tempo integral, tão comentadas pelos candidatos, foi um projeto iniciado por você? Magali: Foi uma ideia que eu trouxe, e o Nelsinho me dá esse crédito e até gravou isso em vídeo. São três escolas, mas precisamos de muitas mais, com um mínimo de uma por região. Nada nasce perfeito, nós temos que continuar buscando aprimorar sempre. Liberdade MS: De onde vem este olhar que se transforma em Projetos? Magali: Da necessidade das pessoas. Elas nos procuram, a mim ou ao Maurício, com os problemas que estão enfrentando e, a partir daí, analisamos e, muitas vezes são grandes problemas de pequenas soluções. Coisas que decidem a qualidade de uma vida e que podem ser resolvidas com atitudes simples, que passam despercebidas por todos, enquanto não vivem aquele problema. Posso citar o caso do tratamento fisioterápico na rede de Saúde, que não existia, mas havia a demanda. Conseguimos, ainda na administração do André, inicialmente no CEM (Centro de Especialidades Médicas). Outro caso marcante é o projeto do teste do reflexo vermelho.

Fomos procuradas por uma mãe, cujo filho estava perdendo a visão devido a uma enfermidade que pode ser facilmente detectada e tratada nos primeiros meses de vida. Infelizmente no caso desta criança a doença já havia avançado, mas a partir da exigência do exame, quantas crianças foram beneficiadas? Liberdade MS: Vamos terminar a entrevista com um breve resumo dos seus trabalhos mais significativos como vereadora. Magali: Vou elencar por segmentos. Educação: obrigatoriedade da fiscalização de brinquedos e sua correta utilização; Adote uma escola; Escola Municipal de Informática; Saúde vocal do professor. Voltados à saúde dos alunos: Prevenção da violência (bullying); Exame de audiometria (teste de surdez); Avaliação ortopédica da coluna; Alimentação diferenciada para diabéticos, hipertensos e obesos; Diagnóstico precoce de diabetes. Saúde: Teste do reflexo vermelho (teste do olhinho); Acompanhamento pré-natal; Fisioterapeutas nos Postos. Idosos: Política municipal do idoso; Acompanhamento em tempo integral nas internações clínicas; Tramitação mais ágil de processos administrativos. Segurança: Noções de trânsito em escolas; Instalação de guardrails nas vias que margeiam os córregos. Esses são alguns dos trabalhos que eu gosto de destacar.


l!berdade!

Página 12 Campo Grande - MS, 30 de setembro de 2012

com.br

Qual sua proposta para a Saúde sair do Coma?

F

ortalecer a Santa Casa; construir um Hospital Municipal ou equipar e contratar profissionais para os UPAs; formar parcerias com o governo do Estado no Hospital Regional ou outra solução, qual afinal seria a melhor medida para resolver o déficit de atenção à Saúde Pública na Capital. Neste último bloco de questionamento aos candidatos, o assunto de maior interesse e críticas da população, conforme apontam as pesquisas.

Reinaldo Azambuja Devolver o hospital à sua mantenedora, que é a Associação Beneficente de Campo Grande. Já está claro que a intervenção do município e do governo do Estado não solucionou o maior problema do hospital, que são as dívidas. Estas saltaram de cerca de R$ 30 milhões antes da intervenção para mais de R$ 120 milhões. O número de leitos foi reduzido, o número de atendimentos também e o volume de recursos repassado ao hospital aumentou. E mesmo assim os problemas continuam. Ainda com relação

à saúde, queremos destacar que iremos construir o Hospital Municipal, equipar e contratar profissionais para os UPAs, além de formar parcerias com o governo do Estado. Com a iniciativa privada iremos firmar convênios para ampliar a oferta de leitos. Além disso, vamos concluir o que foi iniciado, porque com dois milhões por dia para a saúde é possível atender as pessoas. Melhorar os salários e discutir o piso salarial com os profissionais da saúde também são ações que serão priorizadas.

Primeiro eu vou devolver a Santa Casa para a Associação, que é o seu legítimo dono. Feito isso, vou trabalhar os convênios com o Hospital Regional, Hospital Universitário, a própria Santa Casa, Nosso Lar, São Julião e outros, e reformular o gerenciamento da saúde no município de Campo Grande. Quero estabelecer o planejamento estratégico na Secretaria de Saúde para articular toda a estrutura que

hospitais privados e filantrópicos. O governo socialista do PSTU estatizará a Santa Casa. Aplicaremos o mínimo de 6% do PIB para a saúde pública estatal. Com essas medidas, construiremos e reformaremos os postos de saúde nos bairros e hospitais necessários para a população, garantindo consultas de especialistas com, no máximo, uma semana de demora, com prazo máximo de 30 minutos para consultas nos Prontos Socorros. A construção de um Hospital Municipal será discutida por meio do Conselho Popular de Saúde, integrado pelos servidores da saúde, pela classe trabalhadora e pela juventude, após estatização da Santa Casa.

nós já temos - as Unidades Básicas de Saúde, as Unidades Básicas de Saúde da Família, as UPAs, - com a estrutura tanto do governo do estado como da iniciativa privada. Eu quero também contratar uma empresa especializada em organização de grandes empresas de iniciativa privada para organizar o processo de saúde que temos atualmente, fazendo auditorias e medindo resultados.

Vander Loubet

Suél Ferranti A situação da saúde em Campo Grande é dramática. O avanço da privatização e o sucateamento da rede pública são brutais. Uma boa parte dos estabelecimentos de Saúde em Campo Grande é privada, grande parte da população tem plano de saúde privado. O PSTU apresenta um programa socialista para a saúde da cidade com a exigência de um sistema de saúde público, exclusivamente estatal, gratuito e de qualidade para a classe trabalhadora. Portanto, somos contra as privatizações e terceirizações. Nenhuma verba pública para os hospitais privados ou filantrópicos. Pela estatização dos

Edson Giroto

Marcelo Bluma

Temos uma proposta para a Santa Casa que começou a ser elaborada no começo do ano. Devolver para a Sociedade Beneficente e iniciar uma gestão compartilhada. A intervenção da Prefeitura sob alegação de que o hospital estava muito endividado foi um fracasso. Na época a dívida era de R$ 37 milhões, depois quase triplicou, o número de leitos foi reduzido em 23%, a quantidade de internações caiu e a qualidade no atendimento à população piorou. O repasse de recursos do Governo Federal entre 2005 e 2010 saltou de R$ 61 milhões para R$ 108 milhões, ou seja, a Junta Interventora teria sanado os problemas e melhorado o atendimento.

Sem dúvida o caminho é a criação do Pronto Socorro Municipal. Vamos criá-lo no espaço do Hospital do Trauma. Campo Grande é uma das poucas capitais que não possuem um pronto socorro municipal. Para uma cidade com 800 mil habitantes, é preocupante. A população não pode depender apenas da Santa Casa, do Hospital Universitário (HU) ou do Hospital Regional. É necessário que a Prefeitura contribua mais com a rede de atendimento e ofereça à população uma nova opção de atendimento emergencial. E o Pronto Socorro terá um atendimento mais amplo do que um Hospital do Trauma.

A Santa Casa deve voltar a ser da comunidade, da sociedade. A ideia é transformá-la em uma fundação para que a gestão dos recursos seja ainda mais transparente. Como fundação, será auditada e, por receber verbas estaduais e federais, fiscalizada pelos Ministérios Públicos Estadual e Federal. Com a transparência e a modernidade da gestão, os doadores retornarão e a Santa Casa estará restabelecida. Nos últimos anos a rede tem sofrido uma mudança em sua forma de atendimento sendo baixa complexidade, de responsabilidade das Unidades Básicas de Saúde da Família (UBSF), média complexidade é feito nas Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) e nos

Centros Regionais 24h e o alta complexidade é feito nos hospitais. Vamos equipar essas unidades, contratar mais médicos, principalmente pediatras, obstetras, ginecologistas e clínicos gerais e aumentar em mais 80 as Equipes de Saúde da Família. Criar o Serviço Médico de Suporte (SMS) que atenderá às UPAs e os Centros Regionais 24 Horas sempre que houver superlotação ou situações de emergência. Construir mais um Centro de Especialidades Médicas (CEM) e qualificar o atendimento nas UBSF. Implantar o Hospital Municipal e com projetos modernos e inovadores, buscar os recursos federais para a reforma das unidades e a compra de equipamentos.

Alcides Bernal

Dos cinco temas, Bernal respondeu apenas os itens Educação e Transporte, deixando de apresentar suas ideias sobre Emprego e Renda (ed. 55); Cumprimento de Leis Municipais (ed. 56); e o atual que aborda a Saúde. Não queremos crer que o candidato tenha a pretensão de estar eleito, ou próximo disso e, portanto, declinado das respostas. Entendemos que para quem confere tanto poder às mídias ao ponto de judicialmente impedir a circulação de críticas, outros motivos o levaram a desdenhar deste periódico.

Sidney Melo

O candidato não respondeu a qualquer dos questionamentos. Limitou sua campanha ao horário gratuito, conquistou o espaço que desejava e que lhe cabe ocupar. Anteriormente filiado ao PMN, partido pelo qual concorreu à vereança em composição de chapa com o então candidato a prefeito André Puccinelli, filiou-se e foi base de apoio de Zeca do PT, diz a justiça que teve uma passagem pelo PMDB (negada por ele e motivo para sua candidatura estar indeferido com recurso) e que agora procura um apêndice que lhe dê visibilidade.


l!berdade!

com.br

Campo Grande - MS, 30 de setembro de 2012 - Página 13

Jantar Amigos & Negócios reúne empresários

O

Jornal Liberdade MS promoveu na noite da quinta-feira (20) o terceiro Jantar Amigos & Negócios, na Churrascaria Estação sul no shopping Campo Grande. Com a presença de vários empresários que, recepcionados pelo diretor do jornal, Washington Sanches, compartilharam histórias, trocaram opiniões e elencaram propostas de bons negócios. Os empresários saíram contentes com os resultados obtidos, diversos acordos entre empresas de segmentos diferenciados, mas que juntas podem aumentar o desempenho e consequentemente os lucros obtidos, foram fechados durante o jantar.

Delcimar Souza e Edmar Melo

Dila Alves e Junichi Ueda

Edmar Melo e Joceli Jara

Elida Bertaco e Bianor Vera

Gleysi Pereira e Tiago Ferzeli

Gustavo Espindola e Alessandro Pereira

Irene Kemp e Leila Kemp

Ivete Lodi e Tatiane de Gusmão

Izabel Flores e Victor rocha

Jorge Luiz e Marcia Cristina

Leandro Vieira e Suria Araujo

Luca Scandola e Mariana Moretti

Neli Oliveira, Felipe Todesco e Yasmin Oliveira

Tatiane de Gusmão e Janos Karoly

Rogério Mendes e Raquel Zandoná

Empresário em rodada de negócios

Eliane Moraes e Elida Bertaco

Airton Alves e Sanderly Nunes

Antonio Cicuto e Keyla Miyashiro

Wagner Martins e Eliane Zadi

Edilce Mesnerovicz e Alexandre Barbosa

Francisco Batista A. junior e Renata Zanardo

Janos Kaoly e Eder Pereira

Marcio Sauer e Ricardo Caldeira

Wania Borges e Claudia Borges

Osamu Ueda e Emi Ueda

Vanderlei Kuhn e Eliane Moraes

Daniele Marques e Willian Marques

Marta Albuquerque e Luiz Fernando

Luiz Fernando da Conceito Engenharia


l!berdade!

Página 14 Campo Grande - MS, 30 de setembro de 2012

Projeto de lei obriga restaurantes a colocar nos saleiros advertência sobre consumo excessivo de sal maior risco de doenças como hipertensão e acidente vascular cerebral (AVC). Segundo Thadeu, enquanto em países ricos a alta ingestão de sal se deve ao consumo de alimentos industrializados, no Brasil o hábito está mais relacionado à alimentação caseira. “É preciso mudar o hábito brasileiro de adicionar sal aos alimentos”, disse o deputado.

R$ 450,00

do Social Democrático de Minas Gerais (PSD-MG), tramita na Câmara em caráter conclusivo — ou seja, se aprovada pelas comissões designadas a analisá-la, não precisará passar por deliberação no Plenário. Para o autor do projeto, as mensagens nos saleiros incentivariam a população a ingerir menos sódio, cujo consumo excessivo está associado a um

R$: 450,00 CNPJ: 16.072.832/0001-53

Um projeto de lei apresentado na Câmara dos Deputados obriga bares, lanchonetes e restaurantes a colocar nos saleiros mensagens alertando para os riscos do consumo excessivo de sal. O projeto ainda prevê que essas informações também estejam presentes nas embalagens originais do produto. A proposta, feita pelo deputado Geraldo Thadeu, do Parti-

R$: 450,00 CNPJ: 76075516-000135

Saúde

com.br

Curiosidades

Google completa 14 anos e lista coisas que não fazemos sem ele

Na última quinta-feira o site de busca mais famoso completou 14 anos e listamos aqui “coisas que não fazemos sem o Google” hoje em dia. Soletrar: na dúvida sobre como escrever uma palavra, pergunte pro Google. Espionar (ou “stalkear”) a vida dos outros: porque às vezes o Facebook não é o suficiente. Encontrar endereços: para saber como chegar, dê uma olhada no Google Maps antes. Descobrir e lembrar receitas: com poucos cliques dá pra encontrar inspiração para o jantar. Encontrar distração no meio do expediente: o YouTube nunca falha em desconcentrar com vídeos como Gangnam Style. Descobrir quem é uma celebridade (ou subcelebridade): em uma busca você fica sabendo que Aline Bernardes é a Miss Bumbum. Andar de carro sem motorista: por enquanto pouca gente já pegou carona nos automóveis do Google, mas no futuro isso pode mudar. Pesquisar programação de cinema: será que alguém ainda recorre ao jornal de papel para isso? Entender palavras em outros idiomas: leva só alguns segundos no Tradutor do Google. Solucionar discussões: ao invés de ficar batendo boca pra descobrir se uma informação está certa ou errada, basta uma busca pra resolver o impasse. Lembrar citações famosas: digite a expressão que o Google completa a frase pra você. Lembrar palavras que aprendemos na escola: não precisamos mais abrir o dicionário pra saber o que significa.


l!berdade!

com.br

Campo Grande - MS, 30 de setembro de 2012 - Página 15

João Marcelo, a voz da região norte Ser o vereador mais próximo da população, esta é uma das metas estabelecidas por João Marcelo (PSD). O candidato, que conta com o apoio do amigo deputado estadual Marquinhos Trad, quer expandir os projetos sociais que apóia na região do bairro Estrela do Sul, onde atualmente

atende a 200 idosos e 150 crianças. Para João, os vereadores não abrem espaço para que a população possa estar dialogando diretamente com seus representantes. “Hoje o acesso aos vereadores está complicado, durante a campanha eles

aparecem de braços abertos e depois desaparecem, desta maneira não sabem quais são os problemas da população”, ressaltou. Presidente do bairro Estrela do Sul, João Marcelo quer ser o representante de 114 mil pessoas que moram na região norte de Campo Grande. “Vou estar sempre junto da população, para ouvir suas reclamações e saber o que deve ser feito, seja reivindicando por um quebra-molas, semáforos, entre outras grandes necessidades”,

PMA apreende 222 animais exóticos em residência

A Polícia Militar Ambiental (PMA) de Coxim e as Polícias Militar e Civil de Rio Verde apreenderam na quarta-feira (26) 222 animais exóticos em uma propriedade rural de Rio verde. Os bichos eram mantidos em cativeiro, com indícios de que seriam destinados a Pets Shops, sem autorização ambiental. O aposentado de 51 anos, responsável pelos animais, foi autuado administrativamente e multado em R$ 46.400 mil, por introduzir espécie exótica à fauna sem a devida autorização, parecer técnico ou registro de criador. Além da multa, o autuado responderá a inquérito criminal. Se condenado poderá pegar pena de três meses a um ano de detenção. Os animais virão para a Capital para a destinação, conforme decisão do órgão ambiental Instituto de Meio Ambiente do Mato Grosso do Sul (Imasul).


l!berdade!

Página 16- Campo Grande - MS, 30 de setembro de 2012

com.br

Beleza no altar Mayara Martins O momento de subir ao altar é especial, na maioria das vezes, é a realização de um sonho que foi construído ao longo de anos. Por isso, cada detalhes é visto de maneira minuciosa pela noiva e é claro que a beleza da própria não fica fora da lista. Apesar da tendência ser a dos cabelos mais soltos, Rodrigo, hair stylist do L´equipe, avisa que apesar do soltos estarem na moda, somente os presos podem se manter intacto o penteado até o fim da noite. “O cabelo solto é lindo! Mas o preso vai deixar a noiva mais tranqüila, porque é um momento de receber abraços e beijos, e se ele

estiver solto pode ficar bagunçado muito mais rápido do que um penteado bem preso”, enfatiza. Para saber qual o cabelo usar, o ideal é fazer o teste no mínimo 15 dias antes. Segundo Rodrigo, no teste o cabeleireiro pode conhecer a noiva e saber o que a agrada ou não. Além dela poder ver uma prévia do grande dia sem estar tão tensa. Hoje existe também o dia da noiva, pacotes que incluem alem dos testes de maquiagem e cabelo, manicure, depilação além de um atendimento especial para noiva

no grande dia. “O dia da noiva acaba compensando para noiva no final, porque reúne varias necessidades em um preço só... Aqui no L´equipe, os pacotes são super variados e ela pode escolher de acordo com o que ela acredita ser importante”, finaliza.

Salão RUA MARACAJÚ, 1444 (67) 3026-1700 www.lequipehairbody.com.br


l!berdade!

Como organizar o quarto infantil Noêmia Frazão

evitar deslocamento), compre uma bau ou separe os brinquedos em caixas organizadoras. Ensine seu filho a manter a ordem e faça disso uma atividade divertida. Organizando material de estudo: Desde cedo organize-se com seu filho para que ele seja o responsável pelo material de estudo e o que deve ser levado para a escola. Defina gavetas ou pratelei-

CNPJ: 16.042.542/0001-67

Ao decorar e definir os móveis e utilidades dos quartos para seus filhos lembre-se: crianças crescem. Em geral devemos escolher móveis básicos e utilizar elementos adequados à faixa etária na decoração ( quadrinhos, roupa de cama, brinquedos, etc) que podem ser substituidos com o passar dos anos por estantes para livros, mesa para computador, etc Organizando o guarda-roupas: coloque as roupas e calçados num nível adequado para que a criança tenha acesso e possa escolher e saber o que vestir. Oriente seu filho a manter suas roupas em ordem com uma atitude positiva, envolvendo-o no processo de forma divertida. Cuidando da roupa: oriente seu filho de que lugar de roupa suja é o cesto. Mantenha um no quarto (existem modelos atraentes mesmo para os pequenos, que reforçam a idéia de utilizá-los). Organizando os brinquedos: reserve espaço nos armários, instale uma estante (fixa para

ras para manter livros, cadernos, lápis e demais utilidades. Mantenha ganchos ou cabideiros em altura adequada para pendurar mochilas e sacolas.

Campo Grande - MS, 30 de setembro de 2012 - Página 17

A voz do esporte, Coquinho diz “Hora de renovar” Osmar Alves Côco conhecido como “Coquinho”, já foi jogador profissional de futebol pelo time do São Paulo e do esporte Clube Comercial, comentarista e hoje é empresário. Pessoa carismática e cheio de histórias marcantes para contar, figura conhecida e respeitada Coquinho se candidata a vereador em Campo Grande pelo Partido Democrático Brasileiro – PDT. Com o compromisso de exercer um mandato limpo, aberto à comunidade que deva acompanhar as atividades desenvolvidas, Coquinho quer melhorar os serviços urbanos, a educação das crianças e a segurança das famílias, resgatar o futebol profissional com maior incentivo e criação de escolas de futebol nos bairros;

Cursos profissionalizantes a partir do 2º grau; Melhorar o transporte coletivo e mais barato; Implantar projetos de monitoramento nos bairros da capital, além de cumprir metas de trabalho assumidas com a população e apresentar relatórios mensais de todos os projetos que estiver trabalhando.

R$: 450,00 CNPJ: 16.072.124/0001-12

com.br

CNPJ: 16.072.124/0001/12 - CNPJ GRÁFICA: ____________________ - TIRAGEM: _________


ESTÂNCIA MIMOSA

l!berdade!

AONDE IR?

Casa Colonial Atualmente, a principal atividade da Estância Mimosa é o ecoturismo, o passeio se dedica a propiciar aos visitantes uma experiência agradável e diferenciada. As ações estão sempre embasadas em qualidade de serviços prestados, segurança para os

visitantes e conservação ambiental. Não deixando de lado os costumes coloniais, serve um delicioso lanche de boas-vindas, com bolos e biscoitos caseiros e almoço preparado em fogão a lenha. Leia mais em: http://www.estanciamimosa.com.br

YBIRÁ PE - Bonito

Os pratos são elaborados com maestria e tradição, nos fazendo lembrar a típica comida caseira italiana, trazida pelos imigrantes, tendo seu ponto mais forte nas carnes, sempre ternas e suculentas, vinhos nacionais e importados completam o cardápio; Degustar um vinho é um desafio, você precisa de ambiente e apetrechos adequados, concentração, boa memória e imaginação. Compreender, através da degustação com outros degustadores, cria, através desta experiência comum, laços entre as pessoas. É um restaurante único, que não pode deixar de ser visitado. Av. Afonso Pena 3997.

CNPJ: 16.067.726/0001-81 R$450,00

Página 18 - Campo Grandecom.br - MS, 30 de setembro de 2012

Coyote Show Bar

Ybirá Pe, o primeiro percurso de arborismo do Mato Grosso do Sul, localizado às margens do Rio Formoso, onde após a prática do arborismo é possível se tomar um banho de cachoeira nas suas águas cristalinas. O Ybirá conta com aproximadamente 300 metros de extensão, variando entre 0 e 20 metros de altura com 15 travessias em cabos de aço, cordas e bambu, montado em árvores nativas como: bálsamo,

Ipê, peroba e outras, integrado a floresta da mata ciliar do Rio Formoso. As instalações são ecologicamente corretas utilizando material local e técnicas construtivas visando o mínimo impacto e a preservação do meio ambiente. Coloca voce em contato direto com a natureza e possibilita a manutenção e a preservação da floresta, tendo o turismo de aventura como ferramenta de conservação

A casa COYOTE SHOW BAR, foi inaugurada em junho de 2012, e criada para todos os tipos de eventos musicais ao vivo e de ambiente, seja sertanejo, samba, rock, MPB, blues, jazz, bossa nova e outros. Atende a todos os segmentos de público e para quem gosta de diferentes estilos musicais. Com ótima localização, tem um belo projeto arquitetônico com ambientes rústicos e acolhedores, equipamentos de som e iluminação modernos e uma agenda de promoções e eventos planejados para proporcionar a Campo Grande o melhor da noite; Aberta de: Seg: 20:00-03:00 Qua: 21:00-04:30 Qui - Sáb: 20:00 - 04:30 Rua 15 de Novembro, 1186

CNPJ: 16.044.900/0001-70 - CNPJ Gráfica : 01.828.546/0001-06 - Tiragem: 100.000

Vereadora

BIBIANE

22522

MAIS TRABALHO POR CAMPO GRANDE I - PR

MAIS TRABALHO POR CAMPO GRANDE PMDB - PR - PDT - DEM - PSB - PT do B - PTC - PRB PRTB - PC do B - PPL - PSL - PRP - PTB - PSD - PSC - PSDC


com.br

l berdade!

Jerson representa ALMS na posse de desembargador do TJ

Na tarde da quarta-feira (19) aconteceu a solenidade de posse do desembargador do TJ/MS, Marcos José de Brito Rodrigues. O presidente da Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul, deputado Jerson Domingos (PMDB), representou a Casa de Leis durante a cerimônia e ressaltou a importância da parceria entre os Poderes no Estado. “É com muita satisfação que representamos aqui, não somente os 24 deputados estaduais, mas a população sul-mato-grossense, e reiteramos que a relação har-

Eleições 2012

Araguainha vai organizar a cidade * Washington Sanches

moniosa que existe, entre Executivo, Legislativo e Judiciário, é fundamental para o desenvolvimento de Mato Grosso do Sul”, afirmou. Participaram da

solenidade o governador do Estado, André Puccinelli (PMDB), representantes do Ministério Público e da Defensoria Pública, entre outras autoridades.

Assembléia homenageia ‘promotores’ da paz durante sessão solene

A Assembleia Legislativa homenageou na noite da quarta-feira (19) 23 pessoas e entidades com a entrega do troféu de Honra ao Mérito Cultura da Paz, em comemoração ao Dia Estadual da Cultura da Paz, que é concedido a cidadãos e entidades que

Campo Grande - MS, 30 de setembro de 2012 - Página 19

contribuem para a cultura da paz em Mato Grosso do Sul. Em meio a tantos casos de violência, a data, segundo o parlamentar, vem discutir as consequências positivas que a paz e a conciliação trazem para a sociedade sul-mato-grossense.

Um dos homenageados, o bispo auxiliar da Arquidiocese de Campo Grande, Dom Eduardo Pinheiro, considera o prêmio um reforço para a continuidade do trabalho desenvolvido, principalmente junto aos jovens.

Um candidato a vereador determinado e competente, pronto para atingir as 13 metas estipuladas pelo candidato a prefeito Vander (PT), este é o Waldemar Pereira Araguainha (PT). Músico há mais de 40 anos, quer organizar a Câmara Municipal e servir de exemplo para todos os políticos. “Os vereadores precisam apreender a ajudar as comunidades carentes e não mais ficar preocupado com a ima-

gem diante os eleitores na hora de fazer uma obra, tem que investir em melhorias, mesmo que precise tirar dinheiro do próprio bolso, isso é ser um vereador”, afirmou. Em seus projetos, Araguainha quer melhorar o transporte coletivo, incentivar a implantação de corredores exclusivos para ônibus, além de obrigar as empresas a recolocar os antigos cobradores.

Por mais saúde, Baiano Protético é o nome certo

Uma Mulher de Coragem: Professora Elza quer colocar Capital como cidade modelo Candidata pelo Partido dos Trabalhadores – PT, Professora Elza é a representação da coragem, solenidade e sabedoria. Elza vai levar essa luta para Câmara Municipal com mais recursos na saúde, assistência social, educação e infraestrutura urbana e no legislativo, vai fiscalizar o uso dos recursos públicos, prestando contas à população. Professora aos 59 anos já foi presidente da Federação dos Trabalhadores em Educação (FETEMS), ajudou a fundar a Caixa de Assistência dos Servidores do estado de Mato Grosso do Sul (CASSEMS), já foi secretária estadual de educação no governo do Zeca do PT e esteve à frente do Instituto Ação e Cidadania (IAC). Elza acredita que a educação é o melhor caminho

para construir uma sociedade mais justa, sem diferenças sociais e com oportunidades para todos por isso defende um projeto que assegure o acesso e a permanência de crianças e jovens nas escolas em conjunto com a profissionalização de jovens e adultos para atender as novas demandas do mercado de trabalho. Na saúde vai apresentar projetos para garantir ao cidadão um atendimento eficiente, digno e humanizado, pois essa área precisa de mais recursos e a população precisa de respeito e os profissionais da saúde precisam ser valorizados. Disposta a trabalhar para colocar a Cidade Morena na lista de cidades modelo do Brasil , Elza quer um transito organizado, em que veículos e pedestres possam trafegar com tranquilidade e segurança e

também vai aproveitar a vivência dos aposentados, colocando-os novamente no mercado de trabalho, para que possam trocar experiências com os jovens profissionais. Além do setor empresarial ganhar mão de obra experiente e segura, as pessoas de melhor idade irão preservar a sua autoestima e a saúde emocional.

Buscando por melhorias a população, Baiano Protético (PRP) quer tornar-se o novo vereador de Campo Grande. Especialista em prótese dentária, participa do Projeto Social Sorriso Feliz, promovido pela ONG Grupo Onça Pintada, tendo distribuído mais de oito mil próteses a quem realmente precisa. Em seus objetivos dentro da Câmara Municipal, Baiano Protético quer

aumentar o atendimento na rede pública de saúde.“Vou trabalhar para melhorar o atendimento na área da saúde, reivindicando mais médicos para nossos postos de saúde e mais estrutura para que seja possível atendê-lo melhor”, ressaltou o candidato, que garante lutar também por mais segurança, esporte, cultura, emprego e renda para as famílias.


com.br

!

Página 20 - Campo Grande - MS, 30 de setembro de 2012

l berdade!

Destaque Saúde

Dos Pés ao coração

Por Fernanda Nunes

Mate sua fome, sem engordar!!!!

Como cuidar e prevenir as temidas varizes As subidas sempre são a parte mais difícil do percurso. No sistema circulatório também. O sangue corre uma maratona para sair dos pés e chegar ao coração. O trabalho é tão duro que músculos, veias e válvulas unidirecionais o ajudam no percurso. Se um deles perde o fôlego, o sangue para, obstrui as veias e as varizes aparecem. Segundo estudos do Centro de Saúde Escola de Botucatu (SP), o problema atinge 35% da população. Não se trata de uma questão meramente estética. “Se não tratadas, as varizes podem virar hipertensão venosa crônica e trombose. Gravidez Na gestação, há mais chances de as varizes aparecerem por dois motivos. O primeiro é que a maior concentração dos hormônios estrógeno e progesterona tem efeito vasodilatador. O segundo é o aumento do útero, que, mais pesado, comprime os vasos pélvicos, dificultando a circulação. “Para evitar o problema, o ideal é fazer o pré-natal corretamente, não ganhar peso demais e usar meias elásticas”, explica Hilton Waksman. A boa notícia é que as varizes originadas na gravidez são as únicas que podem sumir sem intervenção. “Muitas vezes, as veias só dilatam e voltam ao normal.” O ideal é esperar pelo menos dois meses após o parto para analisar o grau do problema e iniciar o tratamento adequado. Salto alto Uma pesquisa da Divisão de Cirurgia Vascular e Endovascular do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto (FMRP/USP)

comprovou o que a gente já imaginava: salto alto influencia o aparecimento de varizes. Ele imobiliza o tornozelo, impedindo a contração da musculatura da batata da perna e o bombeamento do sangue. E não importa o tipo de salto, mas sim a altura dele. Anticoncepcional + Tabagismo Essa combinação é perigosíssima para quem tem propensão às varizes. O estrógeno, um dos hormônios contidos na pílula, aumenta o risco da formação de coágulos no sangue, que obstruem as veias. O mesmo pode acontecer também na menopausa, com a reposição hormonal. Já as substâncias tóxicas contidas no cigarro são vasodilatadoras. Portanto, cigarro + pílula + fatores hereditários = varizes na certa. Mas nem por isso você precisa abandonar o anticoncepcional. A dica é optar pelas versões à base de progesterona sintética, que podem ser recomendadas pelo seu ginecologista. Já o cigarro, faça o favor de apagar. Muito tempo parada (sentada ou em pé). Os tornozelos ficam inchados, doem e no final do dia você sente aquela sensação de peso nas pernas? É sinal de que vêm varizes por aí! Esses sintomas são comuns em quem passa muito tempo sentada ou em pé, pois os músculos são pouco estimulados. Se é o seu caso, a dica é andar por pelo menos 5 minutos a cada hora e meia. Essa pequena caminhada melhora o retorno venoso. Como Tratar? Escleroterapia - Uma agulha bem fina libera um líquido que irrita a região afetada e destrói a veia, deixando uma cicatriz quase imperceptível. As aplicações

podem ser feitas semanalmente em consultório médico e a quantidade de sessões depende de cada paciente. Simples e rápida, não necessita de repouso após o procedimento. Logo depois da aplicação, podem surgir hematomas. Por isso não é recomendado tomar sol por pelo menos uma semana. Microcirurgia - Pequenas incisões feitas com um instrumento semelhante a uma agulha de crochê retiram a veia afetada. A microcirurgia é realizada em consultório, com anestesia local, e só exige repouso no próprio dia, em casa. Funciona em casos de microvarizes e, como a veia é retirada, não se corre o risco de o problema voltar. Cirurgia- É indicada para varizes e microvarizes, quando a safena é afetada. O procedimento parece a microcirurgia, mas é feita em hospital, com anestesia peridural. A paciente deve ficar internada por pelo menos um dia, mais dois de repouso em casa. No pós-operatório, é preciso usar meia elástica de 15 a 20 dias. Tomar sol está proibidíssimo. Laser - Um aparelho emite raios laser que atravessam a pele e aumentam a temperatura do sangue, eliminando o vaso pelo calor. Afora as intervenções mais sérias, há outros coadjuvantes no tratamento e prevenção das varizes, como uma dieta equilibrada. “Os alimentos funcionais são ricos em flavonoides, substâncias que aumentam a resistência das paredes dos vasos sanguíneos. Outro recurso são os medicamentos orais conhecidos como flebotônicos ou flebotróficos capazes de conter o problema.

Todos mundo se preocupa, mas raramente coloca em prática as promessas de seguir uma alimentação saudável. Mas saiba que se alimentar com saúde não é tão difícil quanto parece. Alguns alimentos matam sua fome e não aumentam o seu peso. Esses alimentos são em geral os ricos em proteínas, fibras e água, já os que contém mais gordura são geralmente os que também não tem a capacidade de controlar o apetite. Logo é muito importante sabe escolher os alimentos para garantir um nível de saciedade até a próxima refeição. Não é nada complicado, confira: 1- Frutas: Por conter altas taxas de fibras elas tem a digestão mais lenta e por sua vez garantem a saciedade

sem engordar. 2- Arroz e Feijão: Quem diria que o prato típico de nosso cotidiano poderia ser também um dos aliados para uma dieta equilibrada. Esse prato também contém muitas vitaminas e proteínas. 3- Laticínios: Eles contém proteínas e também possuem uma digestão lenta retardando a sensação de fome. 4- Vegetais: Além de serem fontes de nutrientes eles também retardam a fome. 5- Folhas Verdes: Elas são as que mais tem fibras, e logo as que além de não engordar também proporcionam a sensação de saciedade. Além do mais as folhas exigem mais mastigação o que faz com o cérebro também envie sinais para o corpo de que não precisa mais comer.


!

l berdade! !

com.br

Campo Grande - MS, 30 de setembro de 2012 - Página 21

Paladar

Amanteigados com recheio de geleia

Frutas cítricas diminuem os riscos de AVC

Ingredientes . 17 colheres (sopa) de açúcar . 6 xícaras (chá) de farinha de trigo . 2 1/2 xícaras (chá) de manteiga . 1 pote de geleia de morango (320 g)

Modo de preparo 1. Aqueça o forno a 180ºC. 2. Em uma superfície lisa, coloque a farinha de trigo e o açúcar. 3. Acrescente a manteiga no centro e, com o auxílio de uma espátula, misture tudo. Com as mãos, amasse até ficar bem homogêneo. 4. Abra a massa na espessura de 2 milímetros. Com um cortador no formato de coração, recorte os biscoitos. 5. Separe a metade dos corações obtidos e vaze com um cortador menor do mesmo formato. 6. Em uma assadeira sem untar, distribua os biscoitos sem sobrepô-los. 7. Asse-os no forno a 180ºC durante 20 minutos. Retire e espere esfriar. 8. Passe a geleia nos corações inteiros. 9. Sobreponha os vazados e depois, com a ajuda de um saco de confeitar, complete o recheio com a geleia.

M

ais um motivo para incluir frutas cítricas no seu cardápio: de acordo com a revista científica americana Stroke, mulheres que consumiram duas ou mais porções por dia desse alimento, por um período de 14 anos, eram 10% menos propensas a sofrer um acidente vascular cerebral do que aquelas que comeram menos de duas porções diárias. Crédito aos flavonoides - componentes abundantes em laranja,

limão, uva e frutas vermelhas -, que beneficiam a saúde. “Eles melhoram a função dos vasos sanguíneos e têm efeito anti-inflamatório, o que pode reduzir o risco de acidentes vasculares devido a coágulos de sangue”, diz a autora do estudo, Aedin Cassidy, da Universidade de Anglia do Leste, no Reino Unido. Prefira as frutas inteiras ao suco delas. PERIGO EM LATA - Alerta às fãs de Coca-cola: a bebida comercializada na embalagem

brasileira contém a maior concentração de uma substância possivelmente cancerígena - o 4-metil-imidazol (4-MI), subproduto do corante caramelo IV - em comparação com a vendida em outros lugares no mundo, como Canadá, China, Japão, Quênia, Emirados Árabes, México, Reino Unido e Estados Unidos. O refrigerante daqui contém 263 microgramas (mcg) do corante em 350 ml, valor quase 50% do que o do segundo colocado, o Quênia (com 177mcg).

Consumo da gordura do leite não aumenta o risco de doenças cardíacas Os resultados de uma série de estudos científicos publicados nas últimas décadas mostram que o consumo da gordura do leite de vacas e outros ruminantes (cabras, ovelhas) pode trazer benefícios à saúde do consumidor. Os estudos desmitificam a crença de que a gordura do leite, por conter elevado teor de ácidos graxos saturados, é prejudicial à saúde porque aumenta o risco de doenças cardiovasculares. Na verdade, a gordura saturada é parte integrante das membranas celulares e participa do armazenamento das vitaminas A, D, E e K nas células contribuindo, portanto, para o adequado funcionamento do organismo. Segundo Marco Antônio Sundfeld da Gama, pesquisador da Embrapa Gado de Leite, inúmeros estudos epidemiológicos e de intervenção dietética (controlados) têm demonstrado que os ácidos graxos saturados presentes na gordura do leite. O pesquisador ressalta, ainda,

que a gordura do leite contém outros ácidos graxos que são reconhecidamente benéficos à saúde cardiovascular. A gordura do leite é, ainda, a principal fonte dietética de ácido linoleico conjugado (CLA), um composto com inúmeras propriedades benéficas à saúde humana, incluindo efeitos positivos sobre biomarcadores de risco cardiovascular, ressalta Gama. Há forte evidên-

cia científica de que a gordura presente no leite integral e em produtos lácteos como queijo e manteiga, embora apresente elevado teor de ácidos graxos saturados, não aumenta e possivelmente pode reduzir o risco de doenças cardiovasculares, o que parece estar associado à presença de compostos com propriedades cardioprotetoras, como o ácido oleico e o CLA.


!

divirta-se HOROSCOPO DA SEMANA (21/03 e 20/04)

O astral é favorável para desenvolver atividades em grupo. O serviço deve render, mesmo aqueles que precisam de mais estudo ou pesquisa. Ideias interessantes e um jeito novo de pensar podem vir do contato com os amigos.

www.coquetel.com.br O som do Condição "ph" em do lixo palavras reciclado inglesas

Rival do Grêmio, no RS (red.)

O indivíduo sensível a baixas temperaturas

© Revistas COQUETEL 2012

Cidades turísticas da Serra Gaúcha

Inscrição em sanitários masculinos

Tântalo (símbolo) Prejudica; estraga

(21/05 e 20/06)

As novas oportunidades de crescimento e expansão vão chegar por meio de amigos ou de colegas de trabalho. Vá ao encontro de seus sonhos e desejos, especialmente aqueles que proporcionam sucesso profissional.

Câncer

Esteira para prática do judô Contração de "per" mais o artigo "a" Sambista carioca que compôs "Sonho Meu"

Operação bancária feita por empresas 24 horas Rege o calendário islâmico Apresentar como objeção

Em minha companhia Cadete (abrev.)

Excelente momento para conversar com pessoas que comungam dos mesmos ideais e objetivos que você. Aproveite para formar alianças e dedique-se a trabalhos em equipe. Só não crie expectativas altas demais ou poderá se frustrar.

(23/09 e 22/10)

É dia de inovar! Seja mais ágil e inteligente no trato com os colegas de trabalho. Abra-se a novas amizades com pessoas que pensam diferente de você. É tempo de expandir seus horizontes para melhorar as oportunidades de crescimento.

Escorpião

(23/09 e 22/10)

No ambiente profissional, é tempo de superar os conflitos existentes. Aproxime-se mais dos chefes, pois uma promoção ou um aumento de salário não estão descartados. O clima é de harmonia no contato com os parentes.

(23/10 e 21/12)

O seu dia promete ser agitado. Não permita que os problemas cotidianos interfiram negativamente em seu comportamento. Tente manter seu bom humor mesmo diante de situações que tiram você do sério.

Capricornio

(22/12 a 20/01)

Você pode encontrar o equilíbrio que procurava em suas finanças. Um dinheiro que não contava mais ou uma premiação pode chegar neste dia. Mas não pense em gastar essa grana, o melhor que tem a fazer agora é poupar.

Aquário

(21/01 a 21/02)

Sua criatividade e capacidade de solucionar problemas encontram-se em alta. Aproveite para assumir a liderança no grupo de trabalho. Bom dia para discutir novas possibilidades e oportunidades para sua vida. Encontrará soluções inovadoras!

Peixes

(22/02 a 23/03)

O dia é favorável para trabalhos em grupo, mas não tente se destacar mais que os demais. Mantenha um diálogo aberto com todos. Não é um bom momento para tomar a iniciativa ou apressar o rumo dos acontecimentos.

BANCO

Rio suíço que nasce nos Alpes A região de Pernambuco (abrev.)

Imitar o som do gato

32

Solução M O N A C O E A N D O R R A

(23/08 e 22/09)

Instrumento da dupla caipira Super (?), jogo de cartas temático Conversar; falar Trocadora de ônibus

E N T L I E E T D O I A N E L A R A V C A F O M A I O G A D O R

Participe mais das atividades dos colegas e colabore em todas as oportunidades que surgirem ao longo do dia. Aprenda também a aceitar a ajuda dos demais. No setor familiar, um bom diálogo pode esclarecer qualquer mal-entendido.

Sagitário

A

Nascida, em francês

Filme de (?): utiliza cenário histórico

(22/07 e 22/08)

Libra

I

(21/06 e 21/07)

Desafio de mudanças na carreira, nos propósitos e nos relacionamentos cancerianos. Autonomia é necessária e esta lição pode ocorrer por meio de mudanças forçadas.

Virgem

D

(?) aromática, planta como a hortelã

G I O R N A T A M E L A R D A O O N E P O C O L A R U N N E I A L B R A

Gêmeos

Principados europeus A face superior e interna do aposento

O "oitavo passageiro" (Cin.)

(21/04 e 20/05)

Se deseja obter resultados diferentes, terá que agir de outra forma diante dos acontecimentos. Troque informações com gente experiente, aprenda com outros pontos de vista. Não tenha medo de mudanças, isso pode ser positivo.

Leão

PALAVRAS CRUZADAS DIRETAS

F R E T A P R O I V E V I T A D C O

Touro

l berdade!

3/aar — née. 5/alien. 8/ano lunar. 14/mônaco e andorra.

Aries

com.br

!

Página 22- Campo Grande - MS, 30 de setembro de 2012

PIADAS LIGANDO PARA CASA

O marido, que era viajante, liga para casa para saber notícias e a filha atende: - Oi filha, como você está? - pergunta ele. - Bem, papai. - E sua mãe, cadê? - A mamãe está no quarto com o tio João.- Tio João? Mas você não tem nenhum tio João. Então na hora ele se deu conta do que pode estar acontecendo e fala: - Filha, vai e fala para a mamãe que o papai encostou o carro aqui na frente de casa. - Tudo bem, papai. Eu já volto. E depois de alguns minutos ela volta. - Já disse, papai. - E o que aconteceu filha? - A mamãe levantou da cama correndo escorregou no tapete e morreu, e o tio João foi pular na piscina para sair pelos fundos e esqueceu que o senhor tinha esvaziado a piscina e morreu! - Nossa! Piscina? Aí é do número 5553145? - Não! - diz a menina. - Ah! Desculpe foi engano.

SOGRA DESAPARECIDA A sogra do joão tinha desaparecido e a policia foi até a casa dele e falou: - Senhor João nos de um palpite de algum lugar onde sua sogra possa estar para podermos encontra-la! Ai o joão: - Eu não, vai que meu palpite ta certo!

VENENO

O cara liga para o procom e reclama:-Eu comprei uma latinha de refrigerante e dei para minha sogra e ao invés de refrigerante tinha veneno! ai o atendente do procom disse:-que barbaridade! ai o cara :- é barbaridade mesmo esse veneno não mata nem formiga!


l!berdade!

com.br

brigadeiro

Feira traz novidades para as mamães de Campo Grande A Feira GESTAR & KIDS começou na quinta-feira (27) e vai até domingo (30), das 14 às 22 horas, no pavilhão de exposições Albano Franco na Avenida Mato Grosso, 5017, com entrada franca, para as mamães e papais que buscam os melhores produtos e serviços para gestantes, bebês e crianças. Uma das grandes atrações da feira serão as apresentações da “Galinha Pintadinha”, interagindo com as crianças, com seis apresentações durante cada dia, além de palestras voltadas a gestantes e mamães.

Ingredientes 1 Colher de sopa - Manteiga ou Margarina 1 Lata - Leite Condensado 4 Colheres de sopa - Chocolate em Pó 1 Pacote - Chocolate Granulado Modo de preparo Aqueça a panela em fogo médio. Acrescente 1 colher de sopa de manteiga. Logo após utilize todo o Leite Condensado junto a manteiga. Em seguida acrescente 4 colheres de sopa de Chocolate em Pó e mexa sem parar até desgrudar da panela. Unte um recipiente onde a mistura será despejada e faça pequenas bolas com a mão passando a mistura no chocolate granulado.

Campo Grande - MS, 30 de setembro de 2012 - Página 23

COMO BRINCAR Disponha as cadeiras em círculo, sendo que o número de assentos seja menor do que o de participantes. Coloque uma música para tocar. Enquanto a música toca, todos os jogadores dançam em volta das cadeiras. Quando a música parar, cada um deve tentar ocupar um lugar. A criança que não conseguir lugar sai do jogo levando

consigo mais uma cadeira. O vencedor será aquele que conseguir sentar na última cadeira.

Dica:

bole variações que dificultem o jogo, como dispor as cadeiras em fila, sendo que cada uma ficará virada para um lado, ou peça para que as crianças dancem em circulo mais longe das cadeiras

Escritora infantil lança seu novo livro As crianças lotaram o plenário da Assembleia Legislativa na tarde desta quarta-feira (26) para a festa de lançamento do livro infantil “Mato Grosso do Sul, em Frente e Verso, em Prosa e Poesia”, escrito pela poetisa Sandra Andrade. A obra literária foi publicada com ajuda de recursos provenientes do Fundo de Investimentos Culturais (FIC), da Fundação de Cultura de Mato Groso do Sul (FCMS).

Maitê Eschiletti Zagonel

A pequena Pietra se diverte em meio a tanta atração

Confira no site www.jlnews.com.br toda programação da feira

Amostra de decoração de festas infantis da Leko Teko, Pirô Produções e Gim Doce

Jonathan Augusto o pequeno domator de pônei da Toca do Ouriço

ORIGAMI

CHAPÉU - BARCO - FLOR



edição 59