Page 1

Guarulhos, 27 de abril de 2019

1

Compra - Vende Aluga - Administra

2447-1596 Guarulhos, 27 de abril de 2019

32 anos

Edição 1229

Fone: 3412-1313

Emaranhado de fios mostra o descaso da prefeitura

Pág. 08

Está difícil confiar na Justiça do Brasil Pág. 02

Dr. Laércio Sandes esclarece dúvidas de servidores Pág. 07

William Paneque participa de evento em Brasília Pág. 03


2

ANUNCIE: 3412-1313

Guarulhos, 27 de abril de 2019

Está difícil confiar na Justiça do Brasil

ANTONIETA MANTOVANI email: antonietamantovani@gmail.com

Um tema assustador

Nós brasileiros estamos assustados diante de um dos temas mais importantes, discutidos no Brasil atualmente, a Reforma da Previdência. Não poderia ser diferente, afinal, é um sonho, um projeto de vida de muitos trabalhadores brasileiros, principalmente daqueles que ainda não se aposentaram. Ainda muito confuso, o texto que foi aprovado nesta última terça- feira (23) no CCJ, e ainda causa polêmica diante do favorecimento e da mudança das regras para o trabalhador. O mais interessado está com medo de que não consiga usufruir ao final do tempo de serviço de seus direitos. E, quem está próximo de se aposentar fica preocupado com

(Nº 01, Ano I, 16/08/1986)

Os artigos publicados com assinatura de seus autores não traduzem, necessariamente, a opinião do jornal, expressa sempre no editorial.

estas mudanças, pois tem medo de ter que trabalhar muitos anos a mais, para conseguir a sonhada aposentadoria. É justificável, tanta preocupação, é um momento de muita fragilidade, onde existe a necessidade de encarar mais despesas com remédios e médicos, estando o contribuinte já praticamente na terceira idade. Ainda na confusão dos textos, com mudanças que afetam o dia a dia, temos como exemplo a nova aposentadoria por idade 65 anos para homens e 62 anos para mulheres e onde se pedia 15 anos de contribuição mudou para 20. Também temos que pensar nas regras progressivas, que fazem parte do jogo. “Muitas águas ainda vão rolar”, Temos que aguardar este desfecho, só esperamos que diante de tantas perdas ao longo da vida, ainda os cidadãos brasileiros, tem a responsabilidade de salvar o Brasil, através de mudanças que vem aumentar seu sacrifício, sem ver os culpados pela falência serem penalizados.

WAGNER A. GARCIA

ALGUMA COISA ESTA FORA DA ORDEM NACIONAL, em julho de 2017, o ex-presidente Lula foi condenado em pelo então juiz da 13ª vara federal de Curitiba, Sergio Moro, a 09 nove anos e 06 meses de prisão em regime fechado por corrupção e lavagem de dinheiro. Moro entendeu que o tríplex no Guarujá foi dado a Lula como pagamento de propina pela empreiteira OAS, que também reformou o imóvel, totalizando cerca de R$ 2,4 milhões em vantagens indevidas. Em janeiro de 2018, o TRF-4 confirmou, por unanimidade, a condenação e aumentou o total das penas para 12

anos e 01 um mês. A condenação por 3 a 0 tirou a perspectiva de que a defesa do ex-presidente pudesse atrasar o processo: sem direito a apresentar embargos infringentes, cabíveis quando a decisão não é unânime na segunda instância, a defesa só pôde apresentar embargos declaratórios, recurso quando há dúvida, omissão, contradição ou obscuridade na decisão, mas sem possibilidade de mudança do resultado. Pois bem, no último dia 23 de abril de 2019, quando pensei que tudo sobre a condenação e pena já tinha acontecido “A Quinta Turma do Superior Tribunal de Justiça (STJ) decidiu reduzir a pena do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) no processo do tríplex do Guarujá (SP). A sentença foi reformada para 08 anos, 10 meses e 20 dias pelo colegiado

por unanimidade, reduzindo ainda a pena pecuniária de R$ 16 milhões calculados como prejuízo da Petrobras, foi reduzido por maioria da turma para R$ 2,4 milhões, o valor do apartamento. Ainda hoje vi noticia da entrevista para jornalistas do Ministro Marco Aurélio Mello, do Supremo Tribunal Federal (STF), onde o mesmo afirmou ter seríssimas duvidas quanto à condenação imposta ao ex-presidente Lula, pelos crimes de corrupção e lavagem de dinheiro no caso do tríplex, ou seja, caso o haja recursos para o STF. provavelmente na opinião do ministro Marco Aurélio, Lula poderá ser absolvido. Se para muitos advogados mesmo que criminalista, ainda não esta claro qual é a pena certa para o processo do Lula, imagino o que pensa o povo sobre as ações

do judiciário. Ai eu pergunto afinal neste caso quem esta certo? O ex-Juiz Sergio Moro, os desembargadores do Tribunal Regional Federal (TRF-4), os desembargadores da Quinta Turma do Superior Tribunal de Justiça (STJ), o Ministro Marco Aurélio Mello, do Supremo Tribunal Federal (STF), ou nenhumas das anteriores. Pelo que vejo sem fazer juízo de valor ou entrar no mérito da ação judicial, logo logo o povo brasileiro terá que indenizar o ex-presidente Lula pelo tempo que ele ficar preso. Por isso afirmo ESTA CADA DIA MAIS DIFÍCIL CONFIAR NA JUSTIÇA DO BRASIL! WAGNER A. GARCIA advogado criminalista wagneragarcia@hotmail. com Musica Fora da Ordem (Caetano Veloso)

Bolsonaro assina decreto que revoga horário de verão Na manhã da última quinta-feira (25), o presidente a República, Jair Bolsonaro assinou o decreto que revoga o horário de verão. Dentre os motivos que o levaram a assinar

o decreto, Bolsonaro falou que a pesquisa realizada pelo Ministro de Minas e Energia, Bento Almirante revela que o horário de verão afeta o relógio biológico das pessoas e dessa forma elas produzem menos.

" Almirante Bento fez um estudo da parte técnica e procuramos também gente da área da saúde para ver até que ponto afetava o relógio biológico das pessoas " afirmou o presidente.

EDITORA MANTOVANI LTDA. - CNPJ: 10.509.053/0001-96 - Rua Cel. Raul Furquim, 248 - Jd. Bebedouro - Sala 1 Guarulhos - Fone: 3412-1313 - Jornal Independente - Rua Cel. Raul Furquim, 248 - Jd. Bebedouro - Guarulhos Guarulhos – SP. - Cep.: 07091-070 - Registro de Matrícula de Jornal nº 053458 – 1º Cartório do Registro das Pessoas Jurídicas da Comarca de Guarulhos/SP. Diretora Responsável - Maria Antonieta Marinho Mantovani - MTB: 12.570 Diagramação - Alice Monteiro www.jornalindependente.com.br - independente@aquinoticia.com.br - jornalismogazeta@gmail.com Periodicidade: Semanal - Impressão: Atlântica Artes Gráficas - Tiragem: 10 mil exemplares


ANUNCIE: 3412-1313

política

Guarulhos, 27 de abril de 2019

3

William Paneque participa da sanção da Empresa Simples de Crédito, em Brasília Dirigente da ACE-Guarulhos e da RA3 da Facesp esteve com o presidente Jair Bolsonaro e Guilherme Afif Domingos, assessor especial do Ministério da Economia e idealizador da ESC

O presidente da ACE-Guarulhos, William Paneque, participou, nesta quarta-feira, 24/04, de evento no Palácio do Planalto, em Brasília (DF), no qual o presidente da República, Jair Bolsonaro, sancionou o

Projeto de Lei Complementar 135/2018 que cria a Empresa Simples de Crédito (ESC). Paneque, que também é o vice-presidente da RA3 (região administrativa da Região do Alto Tietê) da Fa-

cesp (Federação das Associações Comerciais do Estado de São Paulo), cumprimentou pessoalmente o idealizador da ESC, o assessor especial do Ministério da Economia Guilherme Afif Domingos, ex-presidente da ACSP. “A sanção da Empresa Simples de Crédito é uma vitória para a economia nacional e, principalmente, para as locais. É um grande benefício para as pequenas e médias empresas brasileiras e o Afif foi o responsável por essa ferramenta ser concretizada

hoje”, afirmou Paneque. O presidente da Facesp, Alfredo Cotait Neto, concorda. “A ESC atende à urgente necessidade de oferta de crédito sem intermediações, uma vez que intermediação eleva o custo do crédito”, disse. “Essa ferramenta vem no momento em que o Brasil mais precisa e ampliará a oferta de crédito, além de tornar mais favoráveis as condições de empréstimo”. Na prática, a Empresa Simples de Crédito irá proporcionar, para quem tem reserva de recursos,

a possibilidade de aplicar a reserva com rentabilidade melhor do que a do mercado financeiro. “As

duas partes ganham: quem adquire o crédito e quem empresta”, completa Paneque.


4

Guarulhos, 27 de abril de 2019

cidade

ANUNCIE: 3412-1313


ANUNCIE: 3412-1313

cidade

Guarulhos, 27 de abril de 2019

5


6

cidade

Guarulhos, 27 de abril de 2019

ANUNCIE: 3412-1313

ANIVERSARIANTES Aries Quando você tem uma queda por alguém, você quer saber cada coisinha sobre a pessoa. Sua curiosidade o está motivando agora, mas não lhe dá permissão para fazer algo invasivo.

O Dia das Mães está chegando, e, além de exalar carinho com as mamães, a época também é ótima para abusar da criatividade e montar cardápios. A ideia não é apenas reunir a família, mas também arrancar elogios com pratos saborosíssimos para acompanhar a ocasião e deixar o dia ainda mais gostoso.

FRANGO DESFIADO AO CREME DE MILHO

Touro

Se seu crush for mais reservado, tenha paciência até que ele ou ela esteja à vontade para contar o que você deseja saber. Baixar a sua guarda não é fácil, mas você vai fazer isso para a pessoa certa.

Janaina - 15/04

Claudia - 16/04

Gemeos Você vai se sentir bem quando suas inibições sumirem. Quando você tem uma queda por alguém, você quer saber cada coisinha sobre a pessoa.

Cancer Baixar a sua guarda não é fácil, mas você vai fazer isso para a pessoa certa no fim de semana. Você vai se sentir bem quando suas inibições sumirem.

Leão Se você estiver se sentindo isolado ou deixado de fora, converse com seu parceiro. Deve haver algum meio termo que vocês possam concordar.

Virgem

INGREDIENTES 1 peito de frango desfiado 3 dentes de alho 1 cebola inteira picadinha 1 creme de leite de caixinha 1 latinha de milho verde 1 sachê de molho pronto 1 copo de requeijao sal a gosto pimenta-de-cheiro 4 fatias de queijo mussarela MODO DE PREPARO Cozinhe o peito do frango juntamente com o alho. Desfie o frango. Em uma panela, esquente o óleo, coloque a cebola e deixe dourar. Coloque o molho pronto, o frango desfiado e deixe refogando por uns 5 minutos. Enquanto isso, bata o creme de leite juntamente com o milho no liquidificador. Pegue uma forma de vidro e nela coloque o requeijão. Depois coloque o frango refogado em cima, logo após, o creme de milho. Cubra com o queijo e leve ao forno médio, por aproximadamente 40 minutos.

Vicente - 22/04

Celso - 23/04

Uma música ou foto traz de volta memórias antigas que fazem você sorrir mais tarde na semana. No entanto, compartilhar seus pensamentos sobre o passado com seu parceiro é opcional.

Libra Se você se dá demais a outras pessoas porque acha que elas dependem de você, é hora de se dar a atenção que merece e parar de se distrair preenchendo as necessidades dos outros.

Escorpião Exercícios de respiração profunda podem ajudar a olhar para o seu interior. Você tem feito exercícios aeróbicos regularmente? Tente voltar a cuidar de si mesmo em primeiro lugar.

Sagitário

Edson David - 23/04

Adalberto - 23/04

O Universo está encorajando você a olhar de forma mais profunda para os problemas de saúde atuais. Muito do que você está vivenciando pode ser causado por ressentimentos profundos e emoções tóxicas, que são conhecidas por terem um efeito negativo no bem-estar.

Capricórnio Apesar do que parece, nada é impossível, nem para sempre. Só porque seu crush disse não ontem, não significa que a resposta será a mesma hoje. Quando se trata de amor, tudo pode ser negociável.

Aqúario Quanto mais profundamente você entender isso e mais disposto você tiver a explorar seu passado, perdoar e seguir em frente, mais saudável você será.

Peixes

Airton - 25/04

André - 26/04

Você está sempre tentando novas “técnicas” de conquista, e o final da semana é o momento perfeito para ser inovador. Há muitas coisas ainda a serem descobertas.


ANUNCIE: 3412-1313

cidade

Guarulhos, 27 de abril de 2019

7

Servidores públicos de Guarulhos seguem com dúvidas sobre novo Regime Próprio de Previdência Social Já aprovado e sancionado, o projeto que trata sobre a transposição dos servidores públicos de Guarulhos para o Regime Próprio de Previdência Social (RPPS) ainda é alvo de muitas dúvidas por parte dos servidores. O

texto publicado no Diário Oficial do dia 17 de abril traz a lista dos trabalhadores que farão a transposição e quais os trâmites para que ela aconteça. O prazo para a contestação da aplicação dos requisitos de transposi-

ção é de 30 dias. Com o objetivo de ajudar a sanar eventuais dúvidas, o vereador Dr. Laércio Sandes, que é advogado por formação, com especialização em direito trabalhista e previdenciário, fez um vídeo na úl-

tima quinta-feira colocando-se à disposição desses trabalhadores. “Meu alerta é que tenham muito cuidado, que vejam seu nome na relação de servidores e confiram o tempo de serviço, pois esta informação não está baten-

Dr. Laércio Sandes

do em alguns casos. Também não ficou clara a situação de servidores que tiveram que ser afastados por auxílio doença, auxílio maternidade ou outros motivos, bem como de que forma será o cálculo de quem trabalha em situações insalubres. Fiquem de olho em todas essas situações para não terem complicações na fase de aposentadoria”, disse o parlamentar abrindo um canal de comunicação direta com os servidores. Em apenas cinco dias, foram mais de 60 manifestações de servidores. As dúvidas giram em torno de migração do regime para aposentados, pagamento de quinquênio e sexta parte, funcionários com mais de 20

anos de contribuição que temem sofrer perdas com a transposição, dentre outras. “Os servidores que ainda não estiverem seguros com relação à transposição podem acessar nosso perfil em Facebook/Dr. Laércio Sandes. Caso sua dúvida não esteja entre as que já foram respondidas, fiquem à vontade para fazer seus questionamentos, pois todos serão respondidos”, afirma o vereador. O Dr. Laércio Sandes vem respondendo às perguntas uma a uma em sua postagem no Facebook, porém o objetivo é preparar um material que agrupe todas as dúvidas e respostas, como uma espécie de cartilha, que o servidor poderá consultar antes de tomar sua decisão.


8

cidade

Guarulhos, 27 de abril de 2019

ANUNCIE: 3412-1313

Um emaranhado de fios mostra o descaso da prefeitura Quem mora em Guarulhos, pode vivenciar no dia a dia, o descaso que acontece em nossa cidade. O poder público, não cuida das prioridades básicas do cidadão, deixando o município a mercê da irresponsabilidade de muitas empresas que invadem nosso território e deterioram nosso patrimônio. Nesta edição vamos enfocar o triste visual das ruas, o não cumprimento da lei, o desrespeito com a população, meio ambiente, segurança e patrimônio público. Por toda cidade, mesmo no centro, o visual é igual, por todo lado são postes e postes

com fios pendurados, um emaranhado de fios sem nenhuma segurança, fios amarrados e entrelaçados nos postes até mesmo em árvores. Como exemplo, vamos falar da Rua Otacílio Malheiros, uma travessa da Avenida Mãe dos Homens, toda extensão desta rua que dá acesso à Alameda Yayá, interligando bairros, é horrível, muitos fios pendurados um emaranhado, outros soltos, colocando em risco os transeuntes. Segundo dona Maria Aparecida moradora do bairro, há anos ela convive com esta situação de insegurança nas calçadas tem medo dos fios sol-

tos. “Quando perguntamos de quem é a responsabilidade, ninguém se manifesta, acho que a prefeitura deveria ter fiscais para não deixar acontecer isso, a gente se sente abandonado, não temos ninguém para nos socorrer”. Falou Outro morador Jovinaldo Silva também se manifestou e disse:- “Só vão acordar quando acontecer uma tragédia, por conta destes fios pendurados e soltos”. Não sabemos o que fazer. Guarulhos é uma cidade que a cada dia fica mais feia e suja, cada um faz o que quer pra destruir, não temos fiscalização, muito menos governo. Finalizou.

LEI Nº 7480, DE 22 DE JUNHO DE 2016 Projeto de Lei nº 453/2016 de autoria do Poder Executivo O Prefeito da Cidade de Guarulhos, no uso da atribuição que lhe confere o in-

ciso VI do artigo 63 da Lei Orgânica Municipal, sanciona e promulga a seguinte lei: Art. 1º Fica instituída a Lei de Uso das Vias Públicas, Passeios e Espaço Aéreo pelas Concessionárias de Serviços Públicos e demais ocupantes, os procedimentos

e critérios básicos para ocupação e compartilhamento de infraestrutura da rede de distribuição de energia elétrica por prestadores de serviços de telefonia, comunicação, internet, TV a cabo, transmissão de dados e outros serviços públicos ou de

interesse coletivo, prestados pela administração pública ou por empresas particulares. Art. 2º Todas as funções referentes à execução desta Lei, bem como a aplicação das sanções nela previstas, serão exercidas pelos órgãos da Prefeitura cuja competên-

cia para tanto estiver definida em leis e/ou regulamentos internos. Parágrafo único. Afiscalização do cumprimento das obrigações constantes nesta Lei será efetuada pelos agentes de fiscalização lotados na secretaria responsável.

Profile for jornalismogazeta

Guarulhos uma cidade abandonada  

Guarulhos uma cidade abandonada  

Advertisement