Issuu on Google+

Ano 10 - nº 115 - Agosto de 2013 - publicação oficial da Associação dos Criadores de gado holandês de minas gerais

ERICA PATRUS NOLLI

o encontro do ano!

saúde

páginA 6

CADERno

super

Rank

páginAs 17 a 19

A Exphomig 2012 contou com grande participação de público e muita qualidade nas pistas da cidade mineira de Barbacena

Exposição | torneio leiteiro | feira de Animais leilão | Cursos | melhores de minas páginAs 10 E 11


EDITORIAL

durante a EXPHOMIG 2013. www.exphomig.com.br

melhores de minas

AssoCiAÇÃo Dos CRiADoREs DE gADo holAnDÊs DE minAs gERAis

Conheça a nossa publicação digital, acesse www.jornalholandes.com.br Presidente Leonardo Moreira Costa de Souza

LEONARDO MOREIRA COSTA DE SOUZA PRESIDENTE DA ASSOCIAÇÃO DOS CRIADORES DE GADO HOLANDÊS DE MINAS GERAIS

EXPHOMIG 2013, O ENCONTRO DO ANO! Leonardo Moreira Costa de Souza VICE-PRESIDENTES Peter Jordan, Armando Eduardo de Lima Menge e Ellos José Nolli DIRETOR TESOUREIRO Antônio de Pádua Martins e Mauro Antônio Costa de Araújo

Cristovam Edson Lobato Campos DIRETOR SECRETÁRIO Sancho José Matias e Gilberto Vilela de Oliveira CONSELHO FISCAL EFETIVO Aniceto Manuel Aires, Marcelo Elias Rigueira, Raul Pinto, Renato José Laguardia e Rosano Alberto Reis CONSELHO FISCAL SUPLENTE

Jornal Holandês Agosto de 2013

Publicação Oficial da Associação dos Criadores de Gado Holandês de Minas Gerais

tel: (32) 4009-4300

DIRETOR SECRETÁRIO GERAL

Antôno Augusto de Souza Praça, Lucas Pimenta Veiga e Lúcia Mara Yamaguti Kono SUPERINTENDENTE TÉCNICO Cleocy Fam de Mendonça Júnior cleocyjr@gadoholandes.com

REPRESENTAÇÕES REGIONAIS: Escritório Técnico Regional Avenida Amazonas, 6020 - Gameleira CEP 30510-050 - Belo Horizonte - MG (31) 3334-8500

Nughoman - Núcleo dos Criadores de Gado Holandês da Mantiqueira Presidente - Almir Pinto Reis Rua João Baptista Scarpa, 666 CEP 37464-000 - Itanhandu - MG (35) 3361.2404

2

Jornal Holandês

Avenida Sete de Setembro, 623 Centro Juiz de Fora - MG - CEP 36070-000

PRESIDENTE

Nughobar - Núcleo dos Criadores de Gado Holandês de Barbacena Presidente - Gérson Rodegheri Avenida Amílcar Savassi, s/n Caixa Postal 126 CEP 36200-000 - Barbacena - MG (32) 3332-8673

EXPEDIENTE

Vem aí, com muita força, a Exphomig 2013: remodelada, ampliada e com muitas novidades! É considerado o encontro anual da raça Holandesa em Minas Gerais, cuja presença torna-se obrigatória pela ampla qualidade que se constata na pista de julgamento, no torneio leiteiro e no leilão Parada da Perfeição; pelas discussões produtivas nos cursos de avaliação morfológica e de preparação de animais, além da edição do Melhores de Minas neste ano. O evento Melhores de Minas deve ser considerado um momento especial para todos nós criadores da raça Holandesa e produtores de leite, pois é nessa data que podemos comparar os nossos resultados e analisar como diferentes rebanhos, criando a mesma raça, conseguem se destacar em diferentes aspectos. É sempre palco de alegria, de emoções e de conversas muito importantes e gratificantes. É uma verdadeira confraternização. Aguardaremos todos em Barbacena no próximo mês. A soma de todos esses aspectos faz da Exphomig 2013 um evento ainda mais especial do que as edições anteriores. Mais uma vez não faltarão esforços da Diretoria e da equipe da ACGHMG para realizar um evento de qualidade e que alcance os seus objetivos. Não deixe de participar e aproveitar este grande momento da raça. Gostaria, também, de aproveitar para agradecer o grande apoio que estamos recebendo dos nossos patrocinadores, que reconhecem a importância e representatividade desta importante feira. Esta edição do Jornal Holandês está muito rica em notícias e reportagens interessantes, sobretudo em relação à eficiência de sistemas de produção, tanto no Brasil como no exterior. Os números nos EUA sempre impressionam e fixam paradigmas que devemos analisar com cautela quando o assunto em pauta é eficiência. Destacamos, também, o artigo sobre qualidade de leite e a importância do controle da CCS do rebanho e prevenção da mastite, uma grande vilã para a produção de leite. A sanidade é um dos pilares da criação do gado Holandês. Uma boa leitura e um forte abraço.

Comissão Editorial Antônio de Pádua Martins Armando Eduardo de Lima Menge Cleocy Fam de Mendonça Júnior EQUIPE VALOR EDITORA

GRUPO DE COMUNICAÇÃO

Projeto Gráfico e Editorial: Equipe de Criação da Valor Editora Edição e Diagramação Helô Costa - Mtb 00127/MG Editor de Fotografia Wagner Correa Revisão Linguística Professora Mariza Moura Colaboração Esther Figueiredo Contato Imprensa: editora@jornalholandes.com.br Departamento Comercial - Executivo de Contas: Wagner Correa | 31 2526- 2527 | 31 9105-7737 comercial@jornalholandes.com.br Impressão: O Tempo Serviços Gráficos Participe do jornal, envie sugestão de pautas, reclamações, agenda de eventos e deixe seus comentários, esse é o canal direto com o produtor: editora@jornalholandes.com.br A Valor Editora é a única empresa responsável pela comercialização de espaços dentro do jornal impresso e site do jornal assim como qualquer outra negociação que diz respeito ao Jornal Holandês conforme acordo firmado com a Associação dos Criadores de Gado Holandês de Minas Gerais. Qualquer dúvida entre em contato com a nossa equipe.

RECADASTRAMENTO Para continuar a receber o Jornal Holandês acesse www.jornalholandes.com.br e preencha todos os dados corretamente.

JORNAL HOLANDÊS NO FACEBOOK http://pt-br.facebook.com/holandesonline

AGENDA AGROLEITE - 13 de agosto a 17 de agosto - Castro - PR EXPOINTER - 24 de agosto a 01 de setembro - Esteio - RS EXPHOMIG - 14 a 21 de setembro - Barbacena - MG MELHORES DE MINAS - 20 de setembro - Barbacena - MG

JORNAL HOLANDÊS NO TWITTER twitter.com/jornalholandes O Jornal Holandês não se responsabiliza pelas matérias assinadas e pelos conceitos emitidos nos artigos assinados, sendo de responsabilidade de seus autores. É vetado a reprodução parcial ou integral de qualquer conteúdo do Jornal Holandês.


3

Jornal Holandês Agosto de 2013

registro genealógico Passe confiança ao seu comprador. Registre seu gado com a Associação Mineira. Informações: 32 4003 4900

lucro certo!

jornal


durante a EXPHOMIG 2013. www.exphomig.com.br

curso de aValiaÇÃo morFológia

Jornal Holandês Agosto de 2013

FEIRAS...SIMPÓSIOS...CURSOS...

UM GIRO DO HOLANDÊS DE MINAS EM TERRAS MINEIRAS No mês passado, a equipe da Associação dos Criadores de Gado Holandês de Minas Gerais – ACGHMG participou com seu competente corpo técnico da 12ª Exphomarj realizada em Leopoldina – MG. O Inspetor Técnico da Associação dos Criadores de Gado Holandês de Minas Gerais, Dr. Phillippe D. Monteiro, como Secretário de Pista Dr. Rodolfo Tostes Lemos e auxiliar operacional da ACGHMG juntamente com Samuel Hylário não mediram esforços para ajudar na realização desta importante exposição. ARQUIVO ACGHMG

CURSO | IGARAPÉ - MG O Curso de Inseminação Artificial será realizado no período de 26 a 30 de agosto, na Fazenda Experimental Prof. Hélio Barbosa, situada no município de Igarapé, a 5 km da Rodovia Fernão Dias (BR381). Ministrado pelo aluno de graduação Dimitre Giancarlo e orientado pelo professor Allan Maia, o curso se baseia em tripé resumido em: montagem do aplicador e inseminação, observação de cio e manejo do botijão. O evento é voltado basicamente para alunos de veterinária, funcionários das fazendas e produtores rurais, mas também é aberto ao público em geral. O valor da inscrição é R$ 605,00 e estão inclusos o material didático e o descartável, a alimentação e a hospedagem. Mais informações: fazendavet@yahoo.com.br ou 31 3534-3708 FEIRA | ARAXÁ - MG A Cooperativa Agropecuária de Araxá - CAPAL realizará a 1ª edição da Feira de Agronegócios, entre os dias 21 e 23 de agosto, no Expominas da região, com o intuito de reunir as principais empresas do setor e cerca de 10 mil produtores da microrregião do Planalto de Araxá. O objetivo é oferecer aos participantes oportunidades de conhecer novidades do setor e negociar produtos veterinários, adubos, sementes, fertilizantes, tanques, maquinários, implementos agrícolas, dentre outros essenciais para o desenvolvimento da atividade com preços facilitados. Mais informações: 34 3691-5000

A Associação marca presença na exposição de Leopoldina EM TERRAS CARIOCAS A Associação dos Criadores de Gado Holandês de Minas Gerais – ACGHMG esteve presente no Curso Avaliação Morfológica de Vacas Leiteiras e Interpretação de Catálogos de Touro realizado nos dias 27 e 28 de junho, no Hospital Veterinário da Faculdade de Valença - RJ. O curso contou com a participação de estudantes, criadores, técnicos da Emater-RJ, Médicos Veterinários, Agrônomos, Zootecnistas, técnicos agrícolas e profissionais ligados à pecuária de leite de todo o Estado do Rio de Janeiro. O Zootecnista e Superintendente Técnico da Associação Mineira, Cleocy Fam de Mendonça Júnior, e o Médico Veterinário e Superintendente Substituto ACGHMG, Dr. Silvano Carvalho, orientaram os presentes sobre o importante trabalho realizado pela Associação Mineira. O Técnico de Leite da Alta Genetics, Ricardo Bertola, e o representante regional de Valença, Roberto Silveira de Souza Filho “Beto”, além do coordenador e professor responsável da Faculdade de Medicina Veterinária de Valença, José Rogério Moura de A. Neto engrandeceram o curso com suas experiências e conhecimento. O curso foi realizado em parceria com a Associação Mineira, a Alta Genetics e a Faculdade de Medicina Veterinária de Valença-RJ. Mais um evento de alta qualidade realizado em parceria com a ACGHMG. É a Associação próxima do criador! FOTOS DIVULGAÇÃO

WORKSHOP E SIMPÓSIO | JUIZ DE FORA-MG Acontecerá no período de 2 a 6 de setembro o Talking About Computing and Genomics (TACG). “Conversando Sobre Computação e Genômica”, numa tradução livre, é um evento científico que reunirá o 3º Workshop da Rede Genômica Animal e o 1º Simpósio de Modelagem Computacional em Bioinformática. O evento é destinado a pesquisadores, professores e estudantes das áreas de bioinformática; biologia computacional e molecular; genômica; melhoramento genético e modelagem computacional e matemática. O desenvolvimento de modelos matemáticos pode acelerar os resultados das pesquisas, trazendo benefícios para a biologia. Um exemplo recente foi o mapeamento do código genético das raças zebuínas, feito pela Embrapa Gado de Leite em parceria com outras instituições de pesquisa. Este trabalho permitiu o desenvolvimento de recursos genômicos e computacionais capazes de tornar mais rápido e efetivo o processo de melhoramento genético de bovinos leiteiros. O resultado prático é a redução dos custos para o produtor, com animais mais saudáveis e produtivos. As ciências também possibilitam gerar maior número de informações a respeito dos animais, oferecendo ao criador melhores critérios na seleção de bovinos com maior potencial genético. Iniciativa da Rede Genômica e Animal da Embrapa (RGA) e do MCBio (Modelos Computacionais para Estabelecimento de Meios e Procedimentos Metodológicos para Análise de Dados em Bioinformática), o TACG visa integrar pesquisadores das áreas afins. Mais informações: www.cnpgl.embrapa.br/tacg ou 32-3311-7459 e 32-3311-7445 ou pelo e-mail cnpgl.tacg@embrapa.br SIMPÓSIO | UBERLÂNDIA – MG O 13º Simpósio Internacional sobre Produção Competitiva de leite - Interleite Brasil 2013 será realizado na cidade mineira de Uberlândia, nos dias 11 e 12 de setembro, no Center Convention, localizado na Avenida João Naves de Ávila 1331 - Piso C. Serão dois dias de palestras que terá como tema principal a Gestão e a Busca de resultados consistentes na produção de leite. Recursos humanos, inovação, custos, avaliação econômica, contratos entre produtores e indústrias e, claro, mercado e tecnologia aplicada fazem do Interleite Brasil 2013 um evento essencial para quem acredita e cresce na atividade. Mais informações: www.interleite.com.br

Momento de confraternização de todos os participantes

4 O curso contou com aulas teóricas e práticas

SIMPÓSIO | JABOTICABAL - SP O I Simpósio de Qualidade de Leite da FCAV - Unesp - Jaboticabal, em São Paulo, acontecerá de 6 a 8 de setembro no campus da universidade. Especialistas de diversas áreas se reunirão para discutir importantes temas relacionados à qualidade do leite. Atualidades do mercado leiteiro, qualidade do leite aliado ao bem-estar animal e práticas e análises da obtenção do leite serão alguns dos assuntos discutidos durante os três dias do simpósio. Mais informações: www.sqleite.com.br


5

Jornal HolandĂŞs Agosto de 2013

durante a EXPHOMIG 2013. www.exphomig.com.br

Feira de animais JoVens e tourinhos


durante a EXPHOMIG 2013. www.exphomig.com.br

torneio leiteiro gado holandÊs

Jornal Holandês Agosto de 2013

6

LUCRATIVIDADE

sistema eficiente é fundamental “O erro faz com que a atividade não seja sustentável. Na maioria das vezes, o produtor incapaz desacredita e critica a atividade” WAGNER CORREA

Sistema eficiente = sucesso na criação. Um cálculo matemático que aparentemente parece ser simples, mas que merece atenção especial do criador. Independentemente da classificação do sistema de produção, é fundamental que este seja eficiente. O criador deve conhecer bem cada sistema de produção, além de suas particularidades e desafios, para assim determinar qual é o mais adequado para a sua propriedade. A Médica Veterinária pela PUC Minas Betim e Mestre em Produção Animal pela UFMG, Helena Nogueira Frota, explica sobre os diversos tipos de produção, os cuidados na hora da escolha e dá importantes dicas para alcançar alta produção com rentabilidade. Jornal Holandês: O que é um sistema de produção? Helena Nogueira Frota: Sistema de produção é a forma particular que cada propriedade define (baseada no seu relevo, clima, na área disponível, na raça dos animais, na disponibilidade de mão de obra, dentre outros fatores) para desenvolver a atividade de produção leiteira. Existem sistemas de produção extensivo ou intensivo; confinado, semi confinado ou a pasto mas, independentemente da classificação do sistema de produção, o importante é que este seja eficiente. Vantagens: Não existem vantagens entre os sistemas, cada um é único. Se bem projetado e executado corretamente para cada propriedade, certamente terá sucesso. Seja ele produzindo cana, milho ou pasto; ou sendo formado por gado Holandês, Jersey ou Girolando. Ou ainda, sendo os animais confinados em estabulo (free stall), confinados em piquetes ou mantidos a pasto. Desafios: Os desafios sempre devem ser levados em consideração. Sistema de produção extensivo precisa de área muito grande, desta forma o desafio é ter área suficiente e o mais importante, fazer com que este sistema seja sustentável, já que o valor da terra é alto para tornar esse sistema eficiente. Dentre os sistemas de produção intensivo, o desafio do confinamento é ter área suficiente para produção de volumoso, obter médias de produção de leite altas para tornar o sistema rentável (já que seu custo de produção é na maioria das vezes alto), além de ter um manejo eficiente dos animais, que como são muito produtivos são também mais sensíveis e exigentes. Se confinado em estabulo, temos ainda o desafio de projetar corretamente todas as

estruturas, como as camas, piso, área de cocho, dentre outros. As camas devem ser manejadas corretamente para evitar mastite, problemas de casco e fornecer conforto suficiente para se obter médias de produção altas. Se confinado em piquetes, o grande desafio é o barro que se forma principalmente no período das chuvas. Assim como no semi confinamento e no pasto. No sistema a pasto ainda temos o grande desafio de manejar eficientemente a forrageira e de formular corretamente a dieta, já que determinar o que o animal come nestas condições é muito mais difícil do que determinar o que ele como no cocho. Além dos desafios descritos acima outros certamente irão surgir de acordo com as particularidades de cada propriedade e do sistema adotado. JH: O que o criador deve observar para escolher corretamente a forma de produção mais adequada? HF: O criador deve primeiramente conhecer cada sistema de produção, suas particularidades e desafios para assim determinar qual o melhor para a sua propriedade. O relevo, o clima, a área útil, a raça dos animais, a disponibilidade de mão de obra, são fatores importantes que irão influenciar na escolha do sistema de produção. Um profissional bem informado e capacitado deve ser procurado para auxiliar o produtor na sua escolha. Este irá permitir que os erros durante a implantação do sistema sejam minimiza-

dos e possibilitará que o criador se consolide na atividade. JH: O que pode acontecer se a escolha for errada? HF: O erro faz com que a atividade não seja sustentável. A falta de eficiência e rentabilidade faz com que o produtor deixe a atividade ou migre de um sistema para outro em busca de sucesso. Na maioria das vezes o produtor incapaz desacredita e critica a atividade. JH: Quais os cuidados para migrar para outro sistema de produção? HF: Quando o produtor migra de um sistema para outro é importante que ele conheça os motivos q ue o tenham levado a essa mudança. Se a mudança for realmente necessária, é importante que os mesmos erros não sejam cometidos. O criador deve conhecer verdadeiramente e minuciosamente os custos de produção e índices zootécnicos da sua atividade. Saber o que é um custo bom e um índice satisfatório para traçar metas e obter sucesso desta forma. O gerenciamento de números e índices é essencial para o sucesso da atividade. A maioria dos produtores não conhecem o seu custo de produção. Se o produtor não sabe quanto custa o litro de leite que ele produz, como ele vai reclamar do preço do leite recebido? JH: O criador de repente tem gado Holandês, Girolando entre outras, há sistemas próprios para cada raça?

HF: Não existe sistema próprio para cada raça, mas existem raças que se enquadram melhor ou pior em determinado sistema de produção. Por exemplo: quando trabalhamos com gado Holandês, que são mais sensíveis ao calor, tem potencial para produzir mais leite e é muitas vezes menos resistente, é indicado o confinamento. O Girolando se enquadra muito bem no sistema a pasto; menor custo de produção e animais mais resistentes. Mas o importante é saber que não existe receita de bolo, e sim, que o sistema seja eficiente. JH: Dicas importantes para o criador de gado de leite. HF: Primeiramente o criador deve escolher corretamente um sistema de produção. Além disso, o produtor deve procurar um profissional bem preparado e interessado para auxiliar no gerenciamento da atividade. Portanto, a principal dica é que o produtor conheça minuciosamente a sua empresa. Os números são importantes. Índices zootécnicos e custos de produção devem ser gerenciados cuidadosamente. O custo de produção ineficiente pode tornar a atividade insustentável, assim como os índices zootécnicos. Já os custos de produção adequados e os índices zootécnicos satisfatórios para a empresa certamente levarão o criador ao sucesso. Mais informações: helenafrota@hotmail.com


SHOTTLE,

Mudando a Raรงa para sempre.


Jornal Holandês Agosto de 2013

durante a EXPHOMIG 2013. www.exphomig.com.br

Feira de animais JoVens e tourinhos

OPORTUNIDADE

novas linhas de crédito Aquisição de animais, máquinas e projetos de infraestrutura se tornarão realidade Acabam de serem lançadas novas linhas de crédito para o criador de gado leiteiro. Foram liberados mais de R$ 3,7 bilhões para fomentar o agronegócio no País e a Caixa Econômica Federal está autorizada pelo Banco Central do Brasil a

investimentos, a Caixa financiará a compra de máquinas, equipamentos, aquisição de animais e projetos de infraestrutura rural a juros também de 5,5% ao ano, com carência de até três anos e prazo total de até 12 anos, conforme a linha de crédito.

Mais facilidades para o criador de Holandês! Mais informações 32 3249 2500, 2501, 2503 e 2504 ou pelos e-mails: ag1536@caixa.gov.br ou filipe.verneque@caixa.gov.br

O gado leiteiro é o segundo que mais investe em crédito As aplicações do crédito rural em Minas Gerais, na safra 2012/2013, considerando apenas os repasses do Banco do Brasil,somaram R$ 9,6 bilhões, uma variação positiva de 16,4% em relação ao valor registrado no período anterior. De acordo com a Secretaria de Agricultura, Pecuária e Abastecimento - Seapa, o resultado é explicado principalmente pelo aumento do valor do crédito contratado individualmente no Estado. Além disso, o número de contratos (cerca de 149 mil) foi 5% superior ao registrado entre julho de 2011 e junho de 2012. “Os dados divulgados pelo Banco do Brasil mostram um interesse crescente dos agricultores pela adoção do crédito rural”, observa Diego Alves Peçanha, assessor técnico da Superintendência de Política e Economia Agrícola da Seapa. “Uma análise dos repasses da última safra, em relação ao valor registrado no período 2009/2010, mostra crescimento de 32,6% nas aplicações.” Segundo Peçanha, na safra 2012/2013, período de julho a maio, as aplicações exclusivamente da agricultura empresarial já alcançavam R$ 7,7 bilhões, superando em 3% o total de repasses registrado no mesmo período da safra anterior. “Já a agricultura familiar fez aplicações de R$ 1,7 bilhão, até maio deste ano, um crescimento de 13,3%”, ressalta o assessor. BOVINOS DE LEITE O principal produto envolvido no crédito em Minas, mediante recursos do Banco do Brasil, é o café, com aplicações de R$ 2,6 bilhões no acumulado na safra 2012/2013. A liderança do segmento café

8

operar com crédito rural. Para a atividade de pecuária leiteira serão oferecidas linhas destinadas a custeio e investimentos. No custeio, o produtor terá até um ano de carência para pagar e taxa de juros de 5,5% ao ano. Na linha de

WAGNER CORREA

nÚmERos Do CRÉDito RuRAl mg Safra 2012/2013 x 2011/2012 Aplicações: R$ 9,6 bi (+16,4%) Contratos: 149 mil (+ 5%) produtos Café: R$ 2,6 bilhões (48,1 mil contratos) Bovinos de leite: R$ 925,2 milhões (16 mil contratos) Bovinos de carne: R$ 846 milhões (10,3 mil contratos) Milho: R$ 745,2 milhões (7,7 mil contratos) Soja: R$ 514,7 milhões (2 mil contratos) Ranking das regiões no Estado de minas gerais Sul: R$ 2,3 bi Alto Paranaíba: R$ 1,5 bi Triângulo: R$ 1,2 bi Central: R$ 1,1 bi é confirmada também, no período, pelo volume de contratos: 48,1 mil. Em segundo lugar estão as aplicações em bovinos de leite, da ordem de R$ 925,2 milhões, por intermédio de 16 mil contratos. Para o segmento bovinos-carne, o crédito utilizado foi de R$ 846 milhões por meio de 10,3 mil contratos. Os produtores de milho fizeram aplicações de R$ 745,2 milhões, registradas em 7,7 mil contratos. No segmento soja houve aplicações de R$ 514,7 milhões, por meio de 2 mil contratos SUL APLICA MAIS O assessor observa também que os

produtores do Sul de Minas fizeram as mais altas aplicações do Estado (R$ 2,3 bilhões), embora o número de contratos, 9,3 mil, seja apenas 2% maior que o registrado na safra anterior. Em segundo lugar estão os produtores do Alto Paranaíba, com R$ 1,5 bilhão obtidos em 11,4 mil contratos, neste caso um aumento de 3%. Terceiro colocado em valor de repasses (cerca de R$ 1,2 bilhão), o Triângulo Mineiro registra 9,3 mil contratos, volume 7% superior ao da safra 2011/2012. Já a região Central, por intermédio de 13,2 mil contratos (+ 10%), obteve o repasse de R$ 1,1 bilhão. Na faixa dos milhões de reais, as

maiores aplicações são do Centro-Oeste de Minas, com R$ 897,1 milhão. Depois vem a região Noroeste, que teve o repasse de R$ 848,1 milhões mediante 5,7 mil contratos. E a Zona da Mata somou R$ 673,7 milhões, por meio de 25,5 mil contratos. Para Peçanha, um dos destaques foi o aumento do volume de contratos inclusive nas regiões que apresentam aplicações de crédito menores. Os produtores do Norte de Minas aplicaram R$ 399,5 milhões, mas o número de contratos (7,8 mil) equivale a um aumento de 35% em comparação ao registrado na safra anterior. O Vale do Jequitinhonha, embora com as menores aplicações (R$ 243,5 milhões), apresentou um aumento de 15% no volume de contratos. No Brasil, as aplicações do crédito rural, entre julho de 2012 e junho de 2013, alcançaram R$ 133,2 bilhões, um aumento de 7,5% em relação ao período anterior. A expectativa para a nova safra, de acordo com o assessor, é de que os valores aplicados aumentem como consequência dos benefícios apresentados no novo Plano Safra Agrícola e Pecuário para a safra 2013/2014. Entre eles, a redução dos juros, o aumento dos limites para cada contratação e linhas de crédito para armazenagem, inovação tecnológica, irrigação e para o Programa de Agricultura de Baixa Emissão de Carbono (ABC). Todos esses fatores possibilitam a estimativa de aplicações superiores a R$ 10 bilhões em Minas. Fonte: Secretaria de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento – Assessoria de Comunicação Social


9

Jornal HolandĂŞs Agosto de 2013

homenagem Pai seja novo, de meia ideia ou maduro, mas acima de tudo pai, presente ou nĂŁo, mas com o ĂĄrduo compromisso de ser eternamente pai!

Felicidades!


EXPOSIÇãO

Jornal Holandês Agosto de 2013

durante a EXPHOMIG 2013. www.exphomig.com.br

melhores de minas

Exphomig 2013 cresce e...

10

...além da tradicional e conceituada exposição, o evento pretende gerar oportunidades de bons negócios a todos os criadores de gado leiteiro

A 22ª EXPHOMIG terá este ano, além dos tradicionais julgamentos que acontecerão durante toda a semana, eventos paralelos como cursos, feira de animais, torneio leiteiro, leilão e importantes premiações. Setembro é o mês do criador de gado Holandês fazer bons negócios! A EXPHOMIG é referência nacional em qualidade, genética e novidades. Há quatro anos, a EXPHOMIG adquiriu um novo formato, trazendo inovações que têm chamado a atenção do mercado nacional. A exposição acontecerá no período de 14 a 21 de setembro, no Parque de Exposições Senador Bias Fortes em Barbacena – Minas Gerais. O evento contará com ampla programação. Além dos julgamentos do gado jovem e gado adulto, acontecerão também as seguintes atividades: a 1ª Feira de Animais Jovens e Tourinhos da Associação Mineira, o 1º Torneio Leiteiro, o I Curso Estadual de Avaliação Morfológica de Vacas de Leite e Interpretação de Provas de Touro, o 4º Leilão Parada da Perfeição e o café da manhã na Poitara Genética. Os julgamentos do gado Holandês acontecerão na tarde do dia 20 e na manhã do dia 21 de setembro e contarão com a pre-

sença do experiente jurado americano Paul Trapp. Com essa ampla programação acontecerá também a tão esperada premiação Melhores de Minas, onde todos terão a oportunidade de conhecer os melhores na criação do gado Holandês em Minas Gerais. Um dos principais objetivos da organização é gerar ambientes variados de tal forma que haja atração para todos: criadores, expositores, veterinários, zootecnistas, estudantes e empresários do agronegócio. Enfim, um encontro com o que há de melhor do gado Holandês. A cada ano, a Exphomig recebe um número maior de visitantes e criadores de outros estados de olho no que há de melhor do gado de Minas Gerais. A EXPHOMIG é uma realização da Associação dos Criadores de Gado Holandês de Minas Gerais (ACGHMG), em parceria com a Prefeitura de Barbacena, por meio da Empresa Municipal de Turismo (Cenatur) e da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Rural, do Núcleo dos Criadores de Gado Holandês de Barbacena – Nughobar e Sindicato Rural de Barbacena. Parceiros que desejam participar deste importante e grandioso evento reservem já o seu espaço. Criador planeje com antecedência, organize seus animais para participar do Torneiro Leiteiro, dos julgamentos ou da feira de animais jovens e tourinhos. Esta é a oportunidade para você apreciar as novidades e realizar bons negócios! Mais informações: www.exphomig.com.br ou 32 8416 0238

FACILIDADES Linha de crédito com condições especiais para os compradores na feira de animais jovens e tourinhos da ACGHMG. Aproveitem a oportunidade!


Em 2012

foram criados amplos e confortáveis espaços com o objetivo de receber bem todos os participantes e visitantes. Empresas importantes engrandeceram o evento com a montagem de belos estandes e com equipe técnica competente, pronta para atender a todos os presentes.

11

FOTOS WAGNER CORREA

PROGRAMAÇÃO COMPLETA DA XXII EXPHOMIG XXII EXPHOMIG 14 a 16/09/2013 - de 08:00 às 18:00 horas - Entrada dos Animais 20/09/2013 - de 14:00 às 18:00 horas - Julgamento Gado Jovem 21/09/2013 - de 10:00 às 14:30 horas - Julgamento gado Adulto COMEMORAÇÃO DOS 40 ANOS DE CRIAÇÃO DR. ADAHILTON DE CAMPOS BELLO 18/09/2013 - Às 19:00 horas - Fazenda do MARACUJÁ - BARBACENA

CAFÉ DA MANHÃ POITARA GENÉTICA 20/09/2013 - de 07:00 às 10:30 - Café da Manhã Poitara Genética

Jornal Holandês Agosto de 2013

4º LEILÃO PARADA DA PERFEIÇÃO 14 a 17/09/2013 - de 08:00 às 18:00 horas - Entrada dos Animais 19/09/2013 - Às 21:00 horas - 4º LeilÃo Parada da PerfeiÇÃo

I TORNEIO LEITEIRO EXPHOMIG 14 a 16/09/2013 - de 08:00 às 18:00 horas - Entrada dos Animais Torneio Leiteiro

I CURSO ESTADUAL DE AVALIAÇÃO MORFOLÓGICA DE VACAS DE LEITE E INTERPRETAÇÃO DE PROVAS DE TOURO 17/09/2013 - às 08:00 horas - Aula Teórica - Hotel SENAC/GROGOTÓ 17/09/2013 - às 14:00 horas - Aula Prática -FAZENDA MARACUJÁ 18/09/2013 - às 08:00 horas - Aula Teórica - Hotel SENAC/GROGOTÓ 18/09/2013 - às 14:00 horas - Aula Prática -FAZENDA MARACUJÁ MELHORES DE MINAS 2012 20/09/2013 - às 20:30 horas - Hotel SENAC/GROGOTÓ I FEIRA DE ANIMAIS JOVENS E TOURINHOS DA ASSOCIAÇÃO DOS CRIADORES DE GADO HOLANDÊS DE MINAS GERAIS 14 à 16/09/2013 - Entrada dos Animais participantes da Feira 17 à 20/09/2013 - I Feira de Animais Jovens e Tourinhos ACGHMG

EXPHOMIG 2013. www.exphomig.com.br

CURSO DE PREPARAÇÃO DE ANIMAIS DA RAÇA HOLANDESA PARA EXPOSIÇÃO Dia 17/09 - 08:30 à 12:00 hs - Aula Teórica de Morfologia - Hotel Senac/Grogotó Dia 17/09 - 13:30 à17:30 hs - Aula Prática de Morfologia - Fazenda Maracujá Dia 18/09 - 08:00 à 18:00 hs - Aula Prática de Preparação - Fazenda Maracujá

Julgamentos da raÇa holandesa

17/09/2013 - às 14:00 horas - 1ª Ordenha - Parque de Exposições Senador Bias Fortes 17/09/2013 - às 22:00 horas - 2ª Ordenha - Parque de Exposições Senador Bias Fortes 18/09/2013 - às 06:00 horas - 3ª Ordenha - Parque de Exposições Senador Bias Fortes 18/09/2013 - às 14:00 horas - 4ª Ordenha - Parque de Exposições Senador Bias Fortes 18/09/2013 - às 22:00 horas - 5ª Ordenha - Parque de Exposições Senador Bias Fortes 19/09/2013 - às 06:00 horas - 6ª Ordenha - Parque de Exposições Senador Bias Fortes 19/09/2013 - às 14:00 horas - 7ª Ordenha - Parque de Exposições Senador Bias Fortes 19/09/2013 - às 22:00 horas - 8ª Ordenha - Parque de Exposições Senador Bias Fortes 20/09/2013 - às 06:00 horas - 9ª Ordenha - Parque de Exposições Senador Bias Fortes 20/09/2013 - às 14:00 horas - 10ª Ordenha - Parque de Exposições Senador Bias Fortes


Jornal Holandês Agosto de 2013

durante a EXPHOMIG 2013. www.exphomig.com.br

curso de PreParaÇÃo de animais Para eXPosiÇÃo

NOTAS

12

ASSOCIAÇÃO MINEIRA AMPLIANDO SEUS HORIZONTES A Associação dos Criadores de Gado Holandês de Minas Gerais – ACGHMG, na busca constante em apoiar cada vez os criadores da raça, assume a Associação dos Criadores de Gado Holandês do Centro-Oeste Mineiro – Acricom e transforma o local em um novo escritório de apoio técnico da Mineira. O escritório localiza-se em local estratégico na capital mineira: Avenida Amazonas, 6020 – Bairro Gameleira. Um novo espaço para encontro da família Holandesa! Mais informações: 31 3334 8500. CANCELADO É com grande pesar que a Associação dos Criadores de Gado Holandês de Minas Gerais comunica a seus associados que não haverá a Feileite 2013. A Agrocentro Empreendimentos e Participações Ltda., promotora e detentora da marca Feileite – Feira Internacional da Cadeia Produtiva do Leite comunicou a impossibilidade técnica e econômico-financeira de realizar a Feileite no ano de 2013. Vejam os comentários no facebook do Jornal Holandês. Acesse: www.facebook.com/holandesonline

NA WEB goVERno inVEstE Em pARQuE DE EXposiÇÕEs

100 municípios mineiros serão beneficiados, melhorando a infraestrutura dos locais.

“um Dos gRAnDEs EXpoRtADoREs AgRopECuáRios” Comenta o ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Antônio Andrade.

EsColA DE VEtERináRiA ABERtA A toDos

Saiba como utilizar as fazendas da Escola de Veterinária para ensino, pesquisa e extensão.


NOTAS

ECONOMIA

PROGÊNIES DE TOUROS SEMEX TEM ÓTIMOS RESULTADOS NA MEGALEITE Durante a 10ª edição da Megaleite, a casa da Semex Brasil, localizada no Parque Fernando Costa, em Uberaba-MG recebeu clientes, parceiros e criadores da região norte do estado mineiro, que vieram acompanhados pelos representantes da regional Semex em Janaúba, Nilson, Neylor e Nivaldo. Quem também marcou presença no evento foi o CEO da Semex Alliance, Paul Larmer, e o Gerente de Negócios da América Latina e Europa Ocidental, Horácio Larrea, que puderam acompanhar um verdadeiro show nas pistas da cidade mineira. Progênies de touros Semex como Spirte, Dolman, Buckeye, Morty e Goldwyn foram destaque em 10 categorias.

Nelson Eduardo Ziehlsdorff, Antônio Esteves, Cláudio Aragon, Paul Larmer e Hirácio Larrea durante da Megaleite

FOTOS DIVULGAÇÃO SEMEX

Equipe de gerentes, supervisores e representantes estiveram presentes na Megaleite 2013

Contagem de células somáticas no leite é capaz de identificar doença que mais afeta a produção células e realizar a contagem em alta velocidade. “Todo o rebanho possui vacas com mastite, mas o ideal é que o rebanho tenha, no máximo, 15% das vacas infectadas por bactérias. Muitas vezes, essas vacas não mostram sinais da infecção, é a chamada mastite subclínica; já algumas revelam a presença da bactéria, a chamada mastite clínica. Portanto, a contagem somática identifica as vacas com mastite clínica e também as que apresentam a infecção subclínica. Com isso, o produtor sabe a real situação do seu rebanho,” explica. Além de ser muito importante para o produtor, a contagem de células somáticas também é importante para a indústria, já que a presença dessas células indica um leite de pior qualidade que oferecerá menor rendimento na produção de queijo. “O ideal é que seja coletada uma amostra por mês de cada vaca. Com isso, é possível ter uma boa ideia da permanência da mastite no rebanho, da taxa de novas infecções e da taxa de cura, que, em conjunto, dão uma ideia da taxa de crônicas. Portanto, é possível ainda calcular coeficientes que dão toda a informação da situação de mastite no rebanho,” explica. Com relação ao custo do procedimento, o professor afirma ser uma prática barata que todo produtor deve fazer. Segundo ele, ela custa menos de R$ 2 por mês para cada vaca e, através do resultado obtido, o pecuarista pode adotar medidas que venham a salvar um animal de R$ 3 mil, por exemplo. Fonte: www.portaldiadecampo.com.br

durante a EXPHOMIG 2013. www.exphomig.com.br

A principal doença que afeta as vacas de leite é a mastite responsável por grande parte das perdas financeiras dos produtores rurais, capaz de representar perdas de 2L a 3 litros de leite por vaca a cada dia.Para detectar a presença da doença e assim minimizar os impactos financeiros existe a contagem de células somáticas no leite. Segundo o professor do Departamento de Zootecnia da Universidade de São Paulo - USP Paulo Machado, o objetivo do procedimento é identificar animais com a infecção na glândula mamária. “Quando uma bactéria entra na glândula, causa uma reação imunológica no animal e ele responde enviando células somáticas para o interior da glândula mamária. Essas células são do próprio corpo do animal, ou seja, do sistema imunológico,” explica o professor. De acordo com ele, é possível identificar uma infecção analisando a presença de bactérias diretamente na glândula ou indiretamente através da contagem de células somáticas. Ele diz que se uma vaca apresenta contagem superior a 200 mil células para cada ml de leite, existe uma chance de mais de 90% de essa vaca estar infectada por uma bactéria. “Esse procedimento pode ser feito visualmente identificando e contando cada uma das células somáticas que estão presentes no leite. Esse é um método preciso, porém extremamente trabalhoso, caro e demorado,” conta Machado. Para resolver essas dificuldades, foram criados equipamentos eletrônicos que fazem esse trabalho, sendo capazes de corar as

melhores de minas

CURSO IATF - ABS PECPLAN - ZOETIS De 2 a 4 de setembro acontecerá o Curso IATF, que abordará temas como: fisiologia e farmacologia da reprodução bovina; programas de IATF em vacas de leite e novilhas; a importância do sêmen nos resultados dos programas IATF e a abordagem econômica da técnica e análise de custo/benefício. Mais informações: 34 3319 5400 com Fernando Rosa

13

Jornal Holandês Agosto de 2013

Clientes e parceiros visitaram a casa da Semex durante o evento

prática barata que salva vidas


Em constante expansão... Conforto, tecnologia e reprodução são algumas das prioridades nas fazendas texanas, tornando-as grandes produtoras de leite FOTOS CLEOCY FAM

durante a EXPHOMIG 2013. www.exphomig.com.br

oPortunidades Para todos

PELO MUNDO - PARTE III

Na terceira parte do especial “Pelo Mundo”, o Jornal Holandês mostrará detalhadamente mais duas grandes propriedades texanas: a G-2 Harvest, criadora de gado Jersey e a Fox Dairy, criadora de gado Holandês. Com desafios comuns e objetivos bem distintos, descobriram como superar as dificuldades, cada uma a seu modo, e utilizar o rebanho da forma mais eficiente possível, tornando-as importantes produtoras de leite para o País. A 13º Alta AdvantageShowcase realizada no início do ano, no Texas–EUA, teve a presença de 300 participantes vindos de

25 países, uma verdadeira globalização de informações. A delegação brasileira contou com a participação da Associação dos Criadores de Gado Holandês de Minas Gerais por meio do Superintendente Técnico e Zootecnista Cleocy Fam de Mendonça Júnior. Conheça a aventura dessas duas propriedades que desbravaram o clima seco e úmido do sudoeste dos Estados Unidos e hoje são grandes produtoras de leite e o mais importante: em constante expansão. Cleocy Fam viajou a convite da Alta Genetics

impoRtAntEs nÚmERos DE fAZEnDAs VisitADAs g-2 hARVEst DAiRY Raça: Jersey Número de Vacas: 2.400 Ordenha 2 vez ao dia, mas os animais recém paridos (28 dias) são ordenhados 4 vezes ao dia. Sala de Ordenha: Duplo 40 Paralela Produção de Leite: 25,85 Kg/vaca 5,4% Gordura e 3,7% Proteína Taxa de Prenhez: 23% Nº de Funcionários: 18

foX DAiRY Raça: Holandesa Número de Vacas: 1.880 Vacas Ordenhadas 3 vezes ao dia Sala de Ordenha: Duplo 31 paralela

“Quero produzir uma vaca que está livre de problemas, que fica prenha em duas inseminações, e que dê mais de 11.000 quilos de leite em uma lactação”. FAZENDA FOX DAIRY

Produção de Leite: 37,6 Kg/vaca/dia Taxa de Prenhez: 22%

Jornal Holandês Agosto de 2013

Nº de Funcionários: 20

14

“Com tecnologia em mãos, a equipe está preparada para monitorar e acompanhar as tendências na reprodução, produção de leite e saúde do rebanho da forma mais eficiente possível”. FAZENDA G-2 HARVEST DAIRY


INVESTINDO EM TECNOLOGIA G-2 HARVEST DAIRY | Dumas - TX

Eficiência e organização são fundamentais para a G-2 Haverst stalls com canzis, as lavagens dos mesmos são feitos for “flush” seis vezes ao dia. Além disso, o barracão de parto é um “Saudi-style”, com uma cama única de areia. As vacas são manejadas em três lotes: recém-paridas, onde são ordenhadas quatro vezes ao dia, lote de alta produção e lote de vacas prenhas. “Tentamos minimizar o movimento entre diversos lotes para que haja a menor disputa por hierarquia social possível, pois a cada mudança entre lotes, as vacas têm de estabelecer nova hierarquia entre os novos animais”, explicou John. Quando chega a hora de inseminar, a G-2 Harvest depende da equipe técnica da Alta Genetics para prestação de servi-

ços de reprodução no rebanho leiteiro. Todas as vacas acima do período voluntário de espera (60 dias DEL) têm suas caudas pintadas diariamente para auxiliar na detecção de cio e aí serem cobertas, 80% do rebanho é inseminado dessa forma. As vacas não inseminadas por esse processo estão automaticamente matriculadas em um protocolo Ovsynch para ser iniciado em torno de 90 dias de lactação. São realizados diagnósticos de gestação por palpação retal aos 35 dias, e verificados novamente aos 80 e 180 dias. Se a vaca estiver aberta aos 400 dias, ela fica marcada com uma sigla para não inseminar. Não se cria bezerras na G-2 Harvest.

1.800 vacas criadas em amplos e simples espaços

Novo desafio: criar todas as bezerras em casa em bezerras e novilhas. Este ano, Fox Dairy assumiu um novo desafio, que é criar todas sua bezerras em casa ao invés de enviá-las para uma recria especializada. As bezerras permanecem cerca de nove semanas sendo amamentadas com oito litros de leite, com 14,5% de sólidos e duas vezes ao dia. Uma vez desmamadas, elas mudam-se para lotes de 20 bezerras e são alimentadas com ração

especial. Dois meses mais tarde, dobram-se os lotes e introduzem a ração total mix. Em média, as novilhas atingem uma taxa de crescimento de 815 gramas/dia. “Nós sentimos que a decisão de criar as novilhas em casa era mais rentável. Significa também que somos responsáveis pelos resultados, com isso espero que possamos ver mais consistência, novilhas de raça mais cedo e tomar a decisão de des-

durante a EXPHOMIG 2013. www.exphomig.com.br

Não são muitos os produtores de leite que tiveram propriedade e desenvolveram atividades leiteiras em três países diferentes. No entanto, para John e Pauline DeVos e sua família, esta raridade é a realidade. Um nativo da Holanda, John deixou a fazenda da família aos 35 anos para começar uma fazenda de leite no Canadá. Depois de dez anos ordenhando 80 vacas sob a estrutura de cotas canadense, John e Pauline se aventuraram a explorar os climas secos do sudoeste dos Estados Unidos, onde eles começaram Fox Dairy. “Nós tínhamos considerado a agricultura em Washington ou Idaho, mas no panorama geral, o calor e o clima seco eram mais propícios para a produção de leite, e naquele tempo, havia muitos alimentos para as vacas a um baixo custo”, explica John. Nos últimos 10 anos, Plainview, TX tem sido o lar de John e Pauline e seus três filhos. Seus dois filhos, Gary e Jasper, estão ativamente envolvidos na operação das 1800 vacas depois de recentemente completarem seus estudos na Texas Tech University. Gary gerencia os aspectos de alimentação e manutenção do leite, enquanto Jasper se concentra

carte e reposição”, explica Jasper. “Se você não vê suas novilhas todos os dias, você não sabe quais são para vender e em que focar”, acrescentou John. As novilhas são criadas para parir aos 24 meses de idade. Eles utilizam Alta Genetics para produzir todas as suas vacas e novilhas. Para as vacas no leite, 80% das primeiras inseminações são verificadas por meio de detecção de cio e de marcadores na cauda, enquanto os outros 20% são inseminados em um protocolo Presynch-Ovsynch de 14-12 dias. Todas as vacas têm o primeiro serviço antes dos 75 dias de lactação, e são submetidas a diagnóstico de prenhez 39 dias após o primeiro serviço e checado aos 70 e 160 dias. John rotineiramente analisa o desempenho reprodutivo com a equipe de serviço da Alta, liderada pelo gerente de contas elite, Bruce Arnold. “Quero produzir uma vaca que está livre de problemas, que fica prenha em duas inseminações, e dá mais de 11.000 q uilos de leite em uma lactação”, comenta John. Fox Dairy comercializa seu leite por meio da DairyFarmersofAmerica Coop, uma cooperativa de aproximadamente 18.000 cooperados de 48 Estados e John atua no Conselho de Administração da área Sudoeste.

Julgamentos do gado holandÊs

“NOVILHAS EM CASA” FOX DAIRY | Plainview - TX

15

Jornal Holandês Agosto de 2013

G-2 Harvest é uma das muitas histórias de sucesso em produção leiteira “multilocais” nos EUA. O leite é produzido em uma das duas fazendas de propriedade de um grupo chamado G-2 Producers, uma parceria comercial de Mark Ahlem e Brad Nyman da Califórnia, fundado em 2008. A fazenda leiteira onde G-2 Harvest situa-se atualmente foi originalmente construída por outro proprietário, e em 2011, e foi comprada por Mark e Brad para acomodar seu rebanho Jersey. Os proprietários de G-2 Producers optaram pelo Texas como o local ideal de suas operações de leite, devido aos preços de terras mais baratas e pela excelente ventilação natural. Além disso, Mark e Brad perceberam que o Texas Panhandle é a região que mais cresce no País quando falamos de vacas da raça Jersey, devido à demanda por leite com alto volume de sólidos pela HilmarCheeseCompany. Atualmente, 60% dos 3,2 milhões de quilos de leite processados diariamente na HilmarCheeseCompany, indústria de Dalhart, vem de Jerseys. Na G-2 Haverst, a eficiência do trabalho e organização é uma prioridade para a operação. O gerente de rebanho, John Kisst Jr., supervisiona as operações leiteiras. Quando pensam no conforto de suas vacas, a empresa se concentra em criar o melhor ambiente e facilidade a seus animais de acordo com as instalações que possuem. O rebanho está alojado com free

Segundo eles essa decisão permite se concentrar em maximizar o potencial do rebanho leiteiro, além de criar as novilhas em um método mais eficiente e econômico. Aos dois dias de idade, as bezerras deixam as instalações leiteiras da G-2 em Dumas, TX e via jam para uma fazenda de recria nas proximidades de Dalhart. Assim que atingem seis meses de idade, elas são transferidas para uma fazenda de novilhas no outro lado de Dalhart onde são inseminadas e se confirme sua prenhez. Essas novilhas voltam para a G-2 Harvest, em Dumas, faltando 60 dias para o parto. A fim de facilitar a gestão de estoque jovem e o fluxo de animais nos lotes da G-2 Harvest, e equipe de gestão baseia-se fortemente nos produtos Valley Ag Softwares. Segundo John, “todos os registros do rebanho são mantidos em um software chamado DairyComp 305 e toda a nossa alimentação é feita com FeedWatch”. DairyComp 305 foi uma economia de tempo comprovada para a fazenda leiteira, tanto para inserção e recuperação de dados das vacas bem como as informações do rebanho. Com esta tecnologia em mãos, a equipe está preparada para monitorar e acompanhar as tendências na reprodução, produção de leite e saúde do rebanho da forma mais eficiente possível. Com o auxílio desta tecnologia, juntamente com a demanda contínua de leite com alto índice de sólidos, a expansão pode estar no horizonte para G-2 Harvest. O objetivo da fazenda é aumentar as atuais 2.400 vacas ordenhadas para 3.500 vacas ordenhadas.


Jornal Holandês Agosto de 2013

www.Jornalholandes.com.br

Prestigiem a versão on line do Jornal Holandês e aproveite para conhecer edições anteriores. Tenham todos uma ótima leitura!

na era digital

ACONTECEU

16

Muita dedicação e muita qualidade nas pistas durante a exposição de gado Holandês, em Leopoldina

sem medir esforços Assim foi a dedicação dos criadores de gado Holandês para a realização da 12ª Exphomarj Com dedicação, comprometimento e esforço é possível realizar bons eventos. A cidade de Leopoldina é prova disso, que mesmo com poucos criadores, mas com união conseguiram uma exposição de qualidade. A 12ª Exphomarj aconteceu no período de 13 a 21 de julho, no Parque de Exposição José Ribeiro dos Reis, em Leopoldina – MG fazendo parte da extensa programação da Expoleo. Marcos Alves de Souza foi o jurado responsável pelo julgamento do Holandês. Todos os criadores e expositores participantes se uniram e realizaram uma bela exposição, destaque para Anipio Pires Batista Vicente, criador de São José de Ubá - RJ que não mediu esforços para a exposição ser homologada trazendo, na última hora, mais animais do Rio para Minas (no total foram dois caminhões). Segundo o criador Anipio, “ao me ligarem perguntando se tinha como trazer o número de animais que faltava para a exposição ser homologada, respondi que sim, ai foi uma correria, primeiro para arrumar o caminhão para o transporte, depois para reunir os animais, pois não estavam em um só local e sim em cinco lugares diferentes; a sorte foi que havia feito exames em quase todos os animais que me pertencem e que estão em parcerias, foi o que me facilitou, às 23 horas estava no pasto juntando animais. Com certeza valeu a pena, pois o mais importante foi saber que pude ajudar a todos que saíram de suas propriedades e deixaram suas famílias para que o evento acontecesse.” “Gostaria que todos os criadores lembrassem que para ter um campeão e uma campeã necessitamos de outros, do reservado e reservada, do terceiro lugar, do quarto, do quinto e, respectivamente, um

criador precisa do outro; sozinho não consegue fazer uma exposição. Ganhar é bom, mas para que isso ocorra alguém tem que perder. Hoje perco, mas quem sabe amanhã posso ser o ganhador. Gostaria que todos lembrassem que é muito importante para uma raça suas exposições, a alegria dos criadores, expositores, tratadores, preparadores e todos os envolvidos,” comenta o criador Anipio. A expositora e criadora Lucia Mara Y. Kono era só alegria, pois conquistou as premiações máximas da exposição, o animal D’Limeiras Biana Biara Magnetism foi a Grande Campeã Fêmea Jovem e a vaca Lumyk Dolman Jully foi a Grande Campeã. A Associação dos Criadores de Gado Holandês de Minas Gerais parabeniza a todos os organizadores, expositores e criadores que realizaram essa importante exposição. MELHORES EXPOSITORES - GADO JOVEM 1 2 3 4 5

LUCIA MARA YAMAGUTI KONO ANIPIO PIRES BATISTA VICENTE MARCOS ALMEIDA JUNQUEIRA REIS MARCUS VINICIUS BORGES DE CARVALHO BERNARDO ANANIAS JUNQUEIRA FERRAZ TODOS AQUELES QUE NãO FORAM

FOTOS DIVULGAÇÃO EXPOLEO/KALON MORAES

MELHORES CRIADORES - GADO JOVEM 1 2 3 4 5

LUCIA MARA YAMAGUTI KONO ANIPIO PIRES BATISTA VICENTE MARCOS ALMEIDA JUNQUEIRA REIS MARCUS VINICIUS BORGES DE CARVALHO BERNARDO ANANIAS JUNQUEIRA FERRAZ TODOS AQUELES QUE NãO FORAM

PRINCIPAIS RESULTADOS CAMPEONATOS GADO JOVEM

CAMPEÃ (O)

EXPOSITOR

CAMPEONATO BEZERRO CAMPEONATO BEZERRA MENOR CAMPEONATO BEZERRA JUNIOR CAMPEONATO BEZERRA INTERMEDIÁRIA CAMPEONATO BEZERRA SÊNIOR CAMPEONATO NOVILHA MENOR CAMPEONATO NOVILHA JUNIOR CAMPEONATO NOVILHA INTERMEDIÁRIA

FEIJAO CRU EVOQUE AVP PRIMEIRA GORDON FINAL CUT LUMYK MONALISA ATWOOD FEIJAO CRU JOIA 263 ATWOOD SHOTTLE LUMYK GOLDWYN II ELEGANCE LUMYK SUSAMARA STEADY FEIJAO CRU LULUTI 276 SANCHEZ AEROLINE D’LIMEIRAS BIANA BIARA MAGNETISM

MARCOS ALMEIDA JUNQUEIRA REIS ANIPIO PIRES BATISTA VICENTE LUCIA MARA YAMAGUTI KONO MARCOS ALMEIDA JUNQUEIRA REIS LUCIA MARA YAMAGUTI KONO LUCIA MARA YAMAGUTI KONO MARCOS ALMEIDA JUNQUEIRA REIS LUCIA MARA YAMAGUTI KONO

CAMPEONATO 2 ANOS JÚNIOR CAMPEONATO 3 ANOS JÚNIOR CAMPEONATO 3 ANOS SÊNIOR CAMPEONATO 4 ANOS CAMPEONATO VACA ADULTA

FEIJAO CRU ANA 252 SEPTEMBER ADVENT LUMYK ROYLANE BETINA MARVIN ATLETICA 1397 FINEST-TE LUMYK DOLMAN JULLY BORG BOLIVIA DURHAM 681

MARCOS ALMEIDA JUNQUEIRA REIS LUCIA MARA YAMAGUTI KONO MARCUS VINICIUS BORGES DE CARVALHO LUCIA MARA YAMAGUTI KONO MARCOS ALMEIDA JUNQUEIRA REIS

GRANDE CAMPEÃO CAMPEONATO FÊMA JOVEM CAMPEONATO VACA JOVEM GRANDE CAMPEONATO

FEIJAO CRU EVOQUE D’LIMEIRAS BIANA BIARA MAGNETISM FEIJAO CRU ANA 252 SEPTEMBER ADVENT LUMYK DOLMAN JULLY

MARCOS ALMEIDA J. REIS LUCIA MARA Y. KONO MARCOS ALMEIDA J. REIS LUCIA MARA Y. KONO

GADO ADULTO

MELHORES CRIADORES - GERAL 1 2 3 4 5 6

LUCIA MARA YAMAGUTI KONO MARCOS ALMEIDA JUNQUEIRA REIS MARCUS VINICIUS BORGES DE CARVALHO ANIPIO PIRES BATISTA VICENTE BERNARDO ANANIAS JUNQUEIRA FERRAZ LUIZ CLAUDIO BASTOS DE MOURA TODOS AQUELES QUE NãO FORAM

MELHORES EXPOSITORES - GERAL 1 2 3 4 5 6

LUCIA MARA YAMAGUTI KONO ANIPIO PIRES BATISTA VICENTE MARCOS ALMEIDA JUNQUEIRA REIS MARCUS VINICIUS BORGES DE CARVALHO BERNARDO ANANIAS JUNQUEIRA FERRAZ LUIZ CLAUDIO BASTOS DE MOURA TODOS AQUELES QUE NãO FORAM

MELHORES AFIXOS - GERAL 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10

LUMYK FEIJAO CRU MARVIN AVP D’LIMEIRAS BORG COLLEM BUR JR NORUEGA A.R.K.

LUCIA MARA YAMAGUTI KONO MARCOS ALMEIDA JUNQUEIRA REIS MARCUS VINICIUS BORGES DE CARVALHO ANIPIO PIRES BATISTA VICENTE MARIA DO CARMO PETERS OLIVEIRA UBEL BORG COLLEM CONSTRUTORA MOHALLEM LTDA HENDRIK DE BOER JR MARCIO BARBOSA CUNHA ADRIANO RENATO KIERS


Super Rank CADERNO

17

Este caderno é um oferecimento:

10 maiores produções individuais diárias por rebanho PRODUÇÕES INDIVIDUAIS DE ANIMAIS SUBMETIDOS AO CONTROLE OFICIAL AFERIDAS EM junho/2013 2 ORDENHAS MUNICIPIO

NOME DO ANIMAL

CARLOS ALBERTO MENDES MANCILHA CAYUABA GENETICA & PECUARIA LTDA JOAQUIM HENRIQUE NOGUEIRA DIRCEU DE MANCILHA JOSE AHIR DE MANCILHA CESAR GARCIA BRITO E/OU SIOMARA S.G.BRITO HELIDA STAEL MENDONCA IVAN ADHEMAR DE CARVALHO FILHO OTHON MARTINS DE SOUZA LUIZ CLOVIS BRAZ SCARPA

POUSO ALTO ENTRE RIOS DE MINAS CAPIM BRANCO ITANHANDU POUSO ALTO TRES PONTAS PIRANGA AREAL SUMIDOURO ITANHANDU

AGUIDA MANCILHA LAILA 767 ALFY CAYUABA BILLION ELIS MENGE BAXTER VIRGINIA 1392-TE GALENA EMENDA LEXUS AHIR BRANCA C.S.C.S. NEANDRA MONITOR OUTSIDE-463 MABELLA 328 DO IAIA TE LAMA PRETA NORMA DIAMANTINA KRIS SPIRTE SEDUCAO SAO BRAZ UDIDE JUDD

PROPRIETÁRIO

MUNICIPIO

NOME DO ANIMAL

EVARISTO FRANCISCO MARQUES/LEANDRO S.MARQUES ARMANDO EDUARDO DE LIMA MENGE OTTO DE SOUZA MARQUES JUNIOR SEKITA AGRONEGÓCIOS MARIELLE CAMPOS LIMA ASSIS RAFAEL TADEU SIMOES AGROPECUARIA BARREIRO ALTO GERALDO VIOTTO ROGERIO LUIZ SEIBT DJAIR BOSCATTI

GUAXUPE POUSO ALEGRE CACHOEIRAS DE MACACU CARMO PARANAÍBA DELFIM MOREIRA POUSO ALEGRE SETE LAGOAS TURVOLANDIA PRESIDENTE OLEGARIO ITAPEVA

EF & LS TEIA WILDMAN-TE MENGE MARCUS U1328 MADAME BABITONGA SEKITA COLOMBIA 1077 OLYMTIC LIMASSIS RANY GAROTA DAKOTA-TE VINE RS DO RANCHO ALEGRE HS PRIMAVERA KARITHE TOYSTORY VIOTTO LUPERCIA L-366 ROLUSEI TAINA 755 BOSCATTI GARCA MITCH

NÚMERO REGISTRO BR1665017 BX397501 BX404562 BX393247 BR1677856 BX379012 AD3029 7147E BX368505 BX388013

COMP. RACIAL PCOD PO PO PO PCOD PO 1/2 1/2 PO PO

PRODUÇÃO DIÁRIA 61,2 59,4 58,2 57,2 56,3 55,4 53,8 53,3 53,2 49,6

DATA DO CONTROLE 13/06/2013 27/06/2013 13/06/2013 19/06/2013 20/06/2013 13/06/2013 05/06/2013 12/06/2013 21/06/2013 03/06/2013

NÚMERO REGISTRO BR1557075 BX394931 AP7691 BR1551849 BX410490 SR26213 BR1505688 BR1635856 BR1674029 BR1503010

COMP. RACIAL GC-02 PO 3/4 GC-01 PO 7/8 GC-05 PCOD PCOD GC-02

PRODUÇÃO DIÁRIA 67,6 66,7 63,4 61,6 61,0 60,2 59,0 58,3 57,3 54,6

DATA DO CONTROLE 26/06/2013 20/06/2013 18/06/2013 17/06/2013 12/06/2013 24/06/2013 15/06/2013 11/06/2013 14/06/2013 04/06/2013

Jornal Holandês Agosto de 2013

PROPRIETÁRIO

3 ORDENHAS

Melhores médias de produção por rebanho - Holandês Com a alteração das tabelas para divulgação de médias em 2 e 3 ordenhas, o rebanho que tiver encerramentos em 2 e 3 ordenhas no período referido poderá aparecer nas duas tabelas caso alcance médias entre as cinco melhores de cada categoria

MÉDIA DE REBANHOS REFERENTES AO PERÍODO

MÉDIA DE REBANHOS REFERENTES AO PERÍODO

junho DE 2012 A maio DE 2013 - 2 ORDENHAS

junho DE 2012 A maio DE 2013 - 3 ORDENHAS

PROPRIETÁRIO

MUNICÍPIO

LACTA. ENCERRA.

LEITE N. TIPO 305IA ORDEN. CONTROLE

BARBACENA - MG

2 RAFAEL TADEU SIMOES

POUSO ALEGRE - MG

25

10.260

2X BIMESTRAL

10

10.004

2X

MENSAL

3 GEYSA MARIA PEREIRA VILLELA MENDES LOPES JESUANIA - MG

24

10.001

2X

MENSAL

4 ALMIR PINTO REIS

ITANHANDU - MG

21

9.949

2X

MENSAL

CRUZILIA - MG

13

9.905

2X

MENSAL

5 DORA NORREMOSE VIEIRA MARQUES

Rebanhos com 26 a 50 Vacas Encerradas 1 DIRCEU DE MANCILHA

2 ANICETO MANUEL AIRES

3 OTHON MARTINS DE SOUZA 4 ALTAIR DA SILVA REIS

ITANHANDU - MG

30

12.981

2X

MENSAL

ANTONIO CARLOS - MG

37

10.662

2X

MENSAL

SUMIDOURO - RJ

29

10.014

2X

MENSAL

ITANHANDU - MG

41

9.855

2X

MENSAL

PATROCINIO - MG

27

8.819

2X

MENSAL

Rebanhos com 51 a 75 Vacas Encerradas 1 EUDES ANSELMO DE ASSIS BRAGA

CARMO DO PARANAIBA - MG 57

11.166

2X

10.762

2X BIMESTRAL

3 RAUL PINTO

ITANHANDU - MG

5 GILBERTO VILELA OLIVEIRA

MENSAL

52

10.326

2X

64

9.223

2X BIMESTRAL

MENSAL

CARMO DO RIO CLARO - MG 64

8.628

2X BIMESTRAL

9.698

2X

Acima de 100 Vacas Encerradas 1 VICENTE ANTONIO MARINS E FILHOS

TRES CORACOES - MG

144

LEITE N. TIPO 305IA ORDEN. CONTROLE

1 2 3 4 5

MAURO ANTONIO COSTA DE ARAUJO ANTONIO AUGUSTO SOUZA PRACA LUIZ FERNANDO RODRIGUES OLIVEIRA JOSE ADIR LOIOLA JOSE ENIO CARNEIRO MENDES

1 2 3 4 5

DIEGO VAZ DE OLIVEIRA MARIELLE CAMPOS LIMA ASSIS RAFAEL TADEU SIMOES JOSE RICARDO XAVIER MARCIO MACIEL LEITE

1 2 3 4 5

ELLOS JOSE NOLLI

SETE LAGOAS - MG 23 ITUMIRIM - MG 13 MONTE ALEGRE DE MINAS - MG 19 ESPIRITO SANTO DO DOURADO - MG 15 ITANHANDU - MG 19

12.177 12.122 11.865 11.294 10.500

3X MENSAL 3X MENSAL 3X BIMESTRAL 3X MENSAL 3X MENSAL

12.446 11.551 11.062 10.247 10.136

3X MENSAL 3X MENSAL 3X MENSAL 3X BIMESTRAL 3X MENSAL

13.233 12.258 11.484 11.351 11.145

3X 3X 3X 3X 3X

MENSAL MENSAL MENSAL MENSAL MENSAL

12.041 11.954 9.663 8.510

3X 3X 3X 3X

MENSAL MENSAL MENSAL MENSAL

14.024 10.775 10.546 10.025 10.015

3X 3X 3X 3X 3X

MENSAL MENSAL MENSAL MENSAL MENSAL

Rebanhos com 26 a 50 Vacas Encerradas ALPINOPOLIS - MG DELFIM MOREIRA - MG POUSO ALEGRE - MG ELOI MENDES - MG CRUZILIA - MG

43 34 38 50 32

Rebanhos com 51 a 75 Vacas Encerradas

CAETE - MG

75 61 51 55 SAO GONCALO DO SAPUCAI - MG 67

EVARISTO FRANCISCO MARQUES/LEANDRO S.MARQUES GUAXUPE - MG

MANUEL JACINTO GONCALVES DJAIR BOSCATTI FABIO EUSTAQUIO SILVEIRA

ITANHANDU - MG ITAPEVA - MG

Rebanhos com 75 a 100 Vacas Encerradas

2 MARCOS PAIVA FROTA E/OU PATRICIA N.P.FROTA CARMO DA CACHOEIRA - MG 52 4 CESAR GARCIA BRITO E/OU SIOMARA S.G.BRITO TRES PONTAS - MG

LACTA. ENCERRA.

MENSAL

1 2 3 4

CAYUABA GENETICA & PECUARIA LTDA COLLEM CONSTRUTORA MOHALLEM LTDA MARCIO FLAVIO PENIDO OLIVEIRA MARCUS VINICIUS BORGES DE CARVALHO

1 2 3 4 5

ARMANDO EDUARDO DE LIMA MENGE SEKITA AGRONEGOCIOS WLADIMIR ANTONIO PUGGINA ROGERIO LUIZ SEIBT ANTONIO DE PADUA MARTINS

ENTRE RIOS DE MINAS - MG 100 RESSAQUINHA - MG 88 SAO GONCALO DO SAPUCAI - MG 98 JUIZ DE FORA - MG 87

Acima de 100 Vacas Encerradas POUSO ALEGRE - MG 152 RIO PARANAIBA - MG 306 ALFENAS - MG 201 PRESIDENTE OLEGARIO - MG 132 SAO JOAO BATISTA GLORIA - MG 136

economia

5 JOSE AFONSO AMORIM

MUNICÍPIO

Rebanhos com 10 a 25 Vacas Encerradas

Rebanhos com 10 a 25 Vacas Encerradas 1 ADAHILTON DE CAMPOS BELLO

PROPRIETÁRIO

descontos

Associe-se e ganhe vários descontos nos serviços prestados pela Associação Mineira. Informações: 32 4009 4300.


na web

305 dias 2 ANOS JUNIOR

Associação dos Criadores de Gado Holandês de Minas Gerais.

Controle Leiteiro Oficial Melhores Lactações por Classe

primeira divisão 305 dias 2 ordenhas - PERÍODO 01/05/2013 A 31/05/2013 RAÇA: HOLANDESA Nome Animal

1 ANO PARIDA

www.gadoholandes.com Criador de gado Holandês, fique bem informado, visite o site da

Este caderno é um oferecimento:

2 ANOS SENIOR 3 ANOS JUNIOR 3 ANOS SENIOR 4 ANOS JUNIOR 4 ANOS SENIOR 5 ANOS 6 ANOS 7 ANOS ADULTA JUNIOR ADULTA SEnior

Registro

class

idade

dias lact.

prod leite

prod gord.

% prod gord prot.

% prot.

tit.

proprietário

primeira divisão 305 dias 3 ordenhas - PERÍODO 01/05/2013 A 31/05/2013 Jornal Holandês Agosto de 2013

2 ANOS JUNIOR 2 ANOS SENIOR 3 ANOS JUNIOR 3 ANOS SENIOR 4 ANOS JUNIOR 4 ANOS SENIOR 5 ANOS 6 ANOS

18

7 ANOS ADULTA JUNIOR

nome do pai

RECORDISTA MINEIRA COLLEM MARTY CRYSTAL BX283720 B+-82 01-11 305 12374,0 374,8 3,03 347,6 2,81 LM COLLEM CONSTRUTORA MOHALLEM LTDA 2003 RICECREST MARTY-ET GALENA ESTANCIA GENEVA BR1626427 01-11 305 10202,1 265,7 2,60 335,5 3,29 LE DIRCEU DE MANCILHA MG BRIGEEN GENEVA-ET E.A.B. ALFAVILE 168 BR1634383 01-10 305 9273,1 578,5 6,24 312,9 3,37 LM EUDES ANSELMO DE ASSIS BRAGA MG RECORDISTA MINEIRA E.A.B. AUGUSTA ZORAIDE 113 BR1652017 B+-84 02-05 305 15970,5 800,0 5,01 443,7 2,78 LE EUDES ANSELMO DE ASSIS BRAGA 2012 LADYS-MANOR AUGUSTA E.A.B. AGUIA 144 BR1634378 02-02 305 9870,9 486,7 4,93 305,7 3,10 LM EUDES ANSELMO DE ASSIS BRAGA MG VAM FIUCA FIONA WILDMAN BX413120 02-02 266 9857,4 294,4 2,99 312,7 3,17 LM VICENTE ANTONIO MARINS E FILHOS MG LADYS-MANOR WILDMAN ET RECORDISTA MINEIRA GALENA ETICA GARTER BX387671 B+-83 02-11 305 14328,3 442,4 3,09 430,0 3,00 LE DIRCEU DE MANCILHA 2012 WELCOME GARTER-ET E.A.B. FORTALEZA 014 BR1634289 02-11 305 10986,7 532,0 4,84 331,2 3,01 LM EUDES ANSELMO DE ASSIS BRAGA MG A.M.A. GOLDWYN LYDIA-649-TE BX404659 MB88 02-08 305 10180,1 426,6 4,19 323,3 3,18 LM ANICETO MANUEL AIRES MG BRAEDALE GOLDWYN RECORDISTA BRASILEIRA VERA CRUZ PROVINCIA BX246790 B+-82 03-02 305 15502,0 590,0 3,81 439,0 2,83 LE VICENTE ANTONIO MARINS E FILHOS 2002 FRAELAND LEADOFF-ET E.A.B. PIANO GARRINCHA 98 BR1652011 B+80 03-02 305 11728,9 473,0 4,03 346,1 2,95 LM EUDES ANSELMO DE ASSIS BRAGA MG PENN-ENGLAND PIANO 208A-ET SANTOS REIS TOYSTORY GRACA BX397745 B+84 03-02 305 11002,9 322,3 2,93 343,3 3,12 LM ALTAIR DA SILVA REIS MG JENNY-LOU MRSHL TOYSTORY ET RECORDISTA MINEIRA AVANI PETECA GOLD DUSTER BX251440 MB-88 03-11 305 15532,0 533,0 3,43 0,00 LM COLLEM CONSTRUTORA MOHALLEM LTDA 2000 WOODBINE-K GOLD DUSTER-ET GVO SAUDADE ZESTY BX394788 B 79 03-10 305 9447,9 448,9 4,75 317,4 3,36 LM GILBERTO VILELA OLIVEIRA MG VALLEY-DRIVE ZESTY ET SANTOS REIS MARCUS ROSELAINE BX389705 B+81 03-11 305 9436,3 250,7 2,66 304,6 3,23 -- ALTAIR DA SILVA REIS MG REGANCREST-HHF MARCUS ET RECORDISTA MINEIRA SANTA PAULA IVINA DAZZLER BX345332 B+-83 04-01 305 15664,0 475,8 3,04 438,1 2,80 LM SIDNEY NERY 2008 RADINE BELLTONE DAZZLER-ET E.A.B. BORBOLETA 018 BR1634347 B+82 04-04 305 9675,0 454,7 4,70 295,9 3,06 LM EUDES ANSELMO DE ASSIS BRAGA MG ALANA ENCINO LIANDRA BX386713 B+83 04-02 271 9479,8 234,2 2,47 273,7 2,89 -- ALMIR PINTO REIS MG BDGGENETICS ENCINO ET RECORDISTA MINEIRA GALENA ALFA JUMBO BX428035 MB-87 04-08 305 14932,9 506,8 3,39 450,7 3,02 LE DIRCEU DE MANCILHA 2012 GALENA JUMBO INTEGRITY CASA ROSA RAVINA 659 BX369531 B+83 04-06 305 13944,0 410,7 2,95 408,1 2,93 LM ADAHILTON DE CAMPOS BELLO MG LADYS-MANOR MARSTELLAR ET FZ-BA BATALHA 200 COSMO BR1530502 04-10 305 13613,5 645,5 4,74 407,7 2,99 LM MARCOS PAIVA FROTA E/OU PATRICIA N.P.FROTA MG CO-OP LONDON COSMO-ET RECORDISTA MINEIRA JARDIM GENUINA BX208241 B+-83 05-01 305 17189,2 400,9 2,33 529,4 3,08 LM ANDRE LUIS MOREIRA DE ANDRADE E OUTRA 2002 B-HIDDENHILLS MARK-O-POLO E.A.B. CURITIBA 049 BR1634304 05-04 305 11373,2 618,1 5,43 361,6 3,18 LM EUDES ANSELMO DE ASSIS BRAGA MG DANCRIS OPALA GARCIA BR1490025 B+82 05-04 297 10012,9 311,4 3,11 274,0 2,74 LM CRISTOVAM EDSON LOBATO CAMPOS MG BRIGEEN GARCIA-ET RECORDISTA MINEIRA CRUZILIA RENDILHA JOE BX317348 MB-88 06-11 305 18062,7 821,0 4,55 535,0 2,96 LM MAURILIO FERREIRA MACIEL 2010 BOCAINA MANDEL SASSY JOE TE RIO VERDE DUNDEE VICTORIA VICKY BX353819 EX91 06-08 305 16384,0 622,0 3,80 529,8 3,23 LM GUSTAVO GOMES FERNANDES E OUTROS MG REGANCREST DUNDEE-ET FZ-BA XIMBICA 177 POETA BR1530490 06-03 305 12653,4 447,2 3,53 412,7 3,26 LM MARCOS PAIVA FROTA E/OU PATRICIA N.P.FROTA MG RAG POETA II THOR MANDEL RECORDISTA BRASILEIRA GENOVA GOLD BELL DE SANTA PAULA BR1048927 B+-83 07-10 305 17110,0 340,0 1,99 0,00 LE SIDNEY NERY 1999 TRI-Q-CHEKD GOLD BELL E.A.B. MASCARADA 1325 BR1634339 07-00 305 12145,0 456,0 3,75 366,6 3,02 LM EUDES ANSELMO DE ASSIS BRAGA MG RIVELLI JULIETA 0153 SRM412430 07-02 305 11298,1 395,2 3,50 329,6 2,92 LM CARLOS FABIO NOGUEIRA RIVELLI E OUTRO MG RECORDISTA MINEIRA BEATRIZ ECILA BR1015226 09-04 304 16404,0 669,0 4,08 0,00 LE NILSON GONCALVES PEREIRA 1999 FZ-BA VIVA 150 JADE BR1530518 B+84 08-00 305 10249,4 375,2 3,66 306,2 2,99 LM MARCOS PAIVA FROTA E/OU PATRICIA N.P.FROTA MG SHOREMAR JADE C.S.C.S. IASMIN MEGABUCK PROGRESS-TE BX326395 MB87 09-01 305 10032,4 325,9 3,25 278,4 2,77 LM CESAR GARCIA BRITO E/OU SIOMARA S.G.BRITO MG DUNCAN PROGRESS-ET RECORDISTA MINEIRA DOUTORA ENCHANT RILENE J.C. BR1049810 10-05 305 15658,3 542,6 3,47 397,9 2,54 LM SIDNEY NERY 2004 A SIR ENCHANT ET LAN VITORIA LAVA BR1331035 B+81 10-07 305 7445,8 265,9 3,57 229,6 3,08 -- LAURO ANTONIO NOGUEIRA E/OU WAGNER A.NOGUEIRA MG DELTA LAVA

Nome Animal

1 ANO PARIDA

uf

Registro

class

idade

dias lact.

prod leite

prod gord.

% prod gord prot.

% prot.

tit.

proprietário

RAÇA: HOLANDESA uf

nome do pai

RECORDISTA MINEIRA EF & LS COPACABANA WILDMAN BR1544771 MB-86 01-11 305 15996,8 405,1 2,53 460,3 2,88 LM EVARISTO FRANCISCO MARQUES/LEANDRO S.MARQUES 2012 LADYS-MANOR WILDMAN ET ALFY CAYUABA TOYSTORY FLAMA BX413148 B+84 01-09 305 10137,9 291,7 2,88 309,5 3,05 LM CAYUABA GENETICA & PECUARIA LTDA MG JENNY-LOU MRSHL TOYSTORY ET MENGE HOWIE XEREZ 1573 BX413310 B+82 01-10 305 10062,1 358,3 3,56 324,1 3,22 LM ARMANDO EDUARDO DE LIMA MENGE MG KERNDTWAY HOWIE-ET RECORDISTA MINEIRA EF & LS LILIANA TOYSTORY BX404701 B+-82 02-05 305 15482,9 475,2 3,07 489,7 3,16 LE EVARISTO FRANCISCO MARQUES/LEANDRO S.MARQUES 2011 JENNY-LOU MRSHL TOYSTORY ET MENGE BAXTER XANDOCA 1563-TE BX413344 B+83 02-00 305 15419,9 560,3 3,63 446,7 2,90 LM ARMANDO EDUARDO DE LIMA MENGE MG EMERALD-ACR-SA T-BAXTER J.E.N. FADA DURHAN-FIV BX414562 B+80 02-00 305 11195,3 347,1 3,10 377,6 3,37 LM ELLOS JOSE NOLLI MG REGANCREST ELTON DURHAM-ET RECORDISTA MINEIRA C.A.A. JESSICA BR1449849 MB-86 02-11 305 16711,9 466,3 2,79 536,4 3,21 LM CARLOS ALBERTO ADAO 2007 J.E.N. ENCANTADA DOLMAN-TE BX406820 B 79 02-10 279 12315,3 285,3 2,32 387,0 3,14 -- ELLOS JOSE NOLLI MG REGANCREST DOLMAN ET J.E.N. ELAINE DAMION BX401513 MB85 02-11 305 12104,4 362,1 2,99 365,2 3,02 LM ELLOS JOSE NOLLI MG ERBACRES DAMION RECORDISTA MINEIRA J.E.N. CONDESSA BOLTON-TE BX381065 MB-86 03-03 305 18335,3 391,2 2,13 553,8 3,02 LM ELLOS JOSE NOLLI 2012 SANDY-VALLEY BOLTON ET LIMASSIS ROSITA BR1600724 B+81 03-00 286 13219,1 371,5 2,81 393,1 2,97 LM MARIELLE CAMPOS LIMA ASSIS MG MENGE GOLDWYN VANIA 1359-TE BX400769 MB85 03-00 305 12168,9 375,0 3,08 357,3 2,94 LM CELSO CERAVOLO PAOLIELLO MG BRAEDALE GOLDWYN RECORDISTA MINEIRA VALE DO MILK’ DELICADA II BR1271165 MB-87 03-09 305 19947,0 612,0 3,07 241,0 1,21 LM VINICIUS DA SILVA SALGADO 2000 MENGE SPIRTE UNIVERSO 1308 BX393441 MB87 03-06 305 14462,5 493,6 3,41 447,9 3,10 LM ARMANDO EDUARDO DE LIMA MENGE MG CEDARWAL SPIRTE EMIELE GANDAIA 3 PARADOX BB20423 B+83 03-08 305 12205,1 418,3 3,43 379,1 3,11 LM MARCIO MACIEL LEITE MG STARSTRUCK J PARADOX2-RED ET RECORDISTA MINEIRA C.A.A. JESSICA BR1449849 MB-86 04-03 305 19204,6 592,2 3,08 533,3 2,78 LM CARLOS ALBERTO ADAO 2009 MENGE BAXTER ULIANA 1259 BX388081 MB85 04-00 305 16595,3 355,5 2,14 473,7 2,85 LM ARMANDO EDUARDO DE LIMA MENGE MG EMERALD-ACR-SA T-BAXTER COLLEM BOLTON LANYS BX377947 B+83 04-04 305 14065,6 441,0 3,14 380,4 2,70 LM COLLEM CONSTRUTORA MOHALLEM LTDA MG SANDY-VALLEY BOLTON ET RECORDISTA MINEIRA J.E.N. BUENA SORTE JEROM RED-TE BR1480978 B+-82 04-11 305 19250,5 301,3 1,56 518,4 2,69 -- ELLOS JOSE NOLLI 2012 JEROM J.E.N. CHARMOSA LHEROS BX380534 MB89 04-06 305 13466,1 490,4 3,64 457,9 3,40 LM ELLOS JOSE NOLLI MG COMESTAR LHEROS-ET BOCAINA DRAKE VANDA ZEZE BX373924 MB86 04-11 305 12874,2 414,4 3,22 387,7 3,01 LM MANUEL JACINTO GONCALVES MG FAR-O-LA DEBBIE-JO DRAKE ET RECORDISTA MINEIRA C.A.A. AMERICA BR1449851 EX-90 05-07 305 21605,7 519,4 2,40 609,1 2,82 LM CARLOS ALBERTO ADAO 2007 MENGE TALENT SAUDADE 1058 BX364397 MB86 05-10 305 16336,1 419,0 2,56 469,2 2,87 LM ARMANDO EDUARDO DE LIMA MENGE MG LADINO PARK TALENT-IMP-ET ITAGIBA PAULA MAGALI NERO BX371426 MB87 05-00 305 12721,6 511,7 4,02 376,9 2,96 LM MANUEL JACINTO GONCALVES MG ITAGIBA NERO GIBSON RECORDISTA MINEIRA C.A.A. LILIAN LUKE BR1452387 06-06 305 18311,4 522,5 2,85 507,1 2,77 LM CARLOS ALBERTO ADAO 2009 NORRIELAKE CLEITUS LUKE-TW COLLEM BLUE RIBBON IWENS BX352706 MB87 06-02 305 15496,5 421,3 2,72 411,1 2,65 LM COLLEM CONSTRUTORA MOHALLEM LTDA MG SANDY-VALLEY BLUE RIBBON-ET MENGE MORTY SAMAMBAIA 1018-TE BX364305 B+84 06-01 305 15343,8 454,7 2,96 438,2 2,86 LM ARMANDO EDUARDO DE LIMA MENGE MG STOUDER MORTY-ET RECORDISTA MINEIRA SANTOS REIS CHARISMA GRAYCE BX303469 MB-89 07-04 305 17410,1 473,0 2,72 492,0 2,83 LM ALTAIR DA SILVA REIS 2010 PETINESCA CHARISMA-ET EMIELE IOLANDA 2 RO-MARIO BB19702 MB86 07-08 305 15045,0 347,8 2,31 406,9 2,70 LM MARCIO MACIEL LEITE MG EMIELE RO-MARIO LAGOS STORM QUIMORENA 864-TE BX375148 MB89 07-11 283 14344,5 452,7 3,16 427,7 2,98 LM ARMANDO EDUARDO DE LIMA MENGE MG MAUGHLIN STORM-ET RECORDISTA MINEIRA MARIA’S MORENA PRELUDE-TE BX192263 B+-84 305 15723,7 526,7 3,35 462,2 2,94 ELY BONINI GARCIA 2003 RONNYBROOK PRELUDE-ET ALFY CAYUABA LUKE VALERIA-TE BX313743 B+82 09-04 305 12668,6 213,9 1,69 320,7 2,53 -- CAYUABA GENETICA & PECUARIA LTDA MG NORRIELAKE CLEITUS LUKE-TW LAGOS DURHAM QUEBRA 847-TE BX343491 MB85 08-01 281 12506,3 448,2 3,58 406,1 3,25 LM ARMANDO EDUARDO DE LIMA MENGE MG REGANCREST ELTON DURHAM-ET

Registre o seu animal e agregue valor ao seu rebanho.

Agende uma visita de um técnico na sua fazenda: 32 4009 4300


365 DiAs

Este caderno é um oferecimento:

Controle leiteiro oficial melhores lactações por Classe

PRIMEIRA DIVISãO 365 DIAS 2 ORDENHAS - PERÍODO 01/05/2013 A 31/05/2013 RAÇA: HOLANDESA nomE AnimAl

1 ANO PARIDA 2 ANOS JUNIOR 2 ANOS SENIOR 3 ANOS JUNIOR 3 ANOS SENIOR 4 ANOS JUNIOR

5 ANOS 6 ANOS

7 ANOS ADULTA JUNIOR

iDADE

DiAs lACt.

pRoD lEitE

pRoD goRD.

% pRoD goRD pRot.

% pRot.

tit.

uf

pRopRiEtáRio

nomE Do pAi

BX283766 BR1626427 BR1634383

B+-84

01-11 01-11 01-10

365 365 365

14611,1 12114,6 11025,1

420,0 319,8 702,9

2,87 2,64 6,38

449,0 396,1 370,5

3,07 3,27 3,36

LE LE LM

CAYUABA GENETICA & PECUARIA LTDA DIRCEU DE MANCILHA EUDES ANSELMO DE ASSIS BRAGA

2003 MG MG

BR1652017 BR1634378 BX415505

B+-84 B+82

02-05 02-02 02-00

365 365 365

18096,6 11583,3 10639,9

876,0 571,2 297,1

4,84 4,93 2,79

515,3 366,9 308,4

2,85 3,17 2,90

LE LM --

EUDES ANSELMO DE ASSIS BRAGA EUDES ANSELMO DE ASSIS BRAGA ALMIR PINTO REIS

2012 MG MG

REGANCREST DOLMAN ET

BR1558539 BR1634289 BX404659

MB88

02-07 02-11 02-08

365 331 361

14988,2 11787,5 11693,9

494,7 564,1 494,4

3,30 4,79 4,23

407,2 360,0 378,9

2,72 3,05 3,24

LM LM LM

RUBENS ARAUJO DIAS E/OU EUDES ANSELMO DE ASSIS BRAGA ANICETO MANUEL AIRES

2006 MG MG

BRAEDALE GOLDWYN

BX158589 BR1652011 BX397745

B -78 B+80 B+84

03-05 03-02 03-02

365 342 327

17120,0 12698,3 11411,3

623,0 519,5 339,2

3,64 4,09 2,97

377,1 353,6

0,00 2,97 3,10

LM LM LM

MARCOS ARRUDA VIEIRA EUDES ANSELMO DE ASSIS BRAGA ALTAIR DA SILVA REIS

1996 MG MG

TO-MAR BLACKSTAR-ET PENN-ENGLAND PIANO 208A-ET JENNY-LOU MRSHL TOYSTORY ET

BX384765 BX394788 BX391821

MB-87 B 79

03-07 03-10 03-06

365 365 365

17914,9 10351,5 9963,4

520,2 498,6 295,5

2,90 4,82 2,97

575,5 359,7 285,2

3,21 3,47 2,86

LM LM --

DIRCEU DE MANCILHA GILBERTO VILELA OLIVEIRA ALBERTO OSWALDO CONTINENTINO DE ARAUJO

2012 MG MG

ENGENHO DA RAINHA CESARE 429 MARSHALL-TE

BX190727 BR1634347 BB20424

MB-88 B+82

04-01 04-04 04-00

365 315 319

17388,3 9863,0 9118,7

594,7 461,6 326,1

3,42 4,68 3,58

0,00 3,06 3,15

LM LM --

COLLEM CONSTRUTORA MOHALLEM LTDA EUDES ANSELMO DE ASSIS BRAGA MARCIO MACIEL LEITE

1999 MG MG

DUREGAL ASTRE STARBUCK-ET

302,2 287,4

KIAN

BX146418 BX369531 BR1530502

MB-85 B+83

04-08 04-06 04-10

365 365 365

16730,0 15906,0 15879,9

518,0 473,2 721,4

3,10 2,98 4,54

474,4 486,0

0,00 2,98 3,06

LM LM LM

JOSE ALAIR COUTO ADAHILTON DE CAMPOS BELLO MARCOS PAIVA FROTA E/OU PATRICIA N.P.FROTA

1996 MG MG

SHI-LA STRAIGHT PINE ROCKY LADYS-MANOR MARSTELLAR ET CO-OP LONDON COSMO-ET

BX208241 BR1634304 BR1485831

B+-83

05-01 05-04 05-03

365 355 365

19940,7 12928,2 10169,1

442,9 674,6 292,8

2,22 5,22 2,88

621,4 417,9 311,2

3,12 3,23 3,06

LM LM --

ANDRE LUIS MOREIRA DE ANDRADE E OUTRA EUDES ANSELMO DE ASSIS BRAGA CARLOS FABIO NOGUEIRA RIVELLI E OUTRO

2002 MG MG

B-HIDDENHILLS MARK-O-POLO

BX317348 BX353819 BR1530490

MB-88 EX91

06-11 06-08 06-03

365 358 365

19488,5 17638,3 13971,3

818,7 677,8 505,4

4,20 3,84 3,62

601,4 583,7 463,1

3,09 3,31 3,31

LM LM LM

MAURILIO FERREIRA MACIEL GUSTAVO GOMES FERNANDES E OUTROS MARCOS PAIVA FROTA E/OU PATRICIA N.P.FROTA

2010 MG MG

BOCAINA MANDEL SASSY JOE TE REGANCREST DUNDEE-ET RAG POETA II THOR MANDEL

BR1048927 BR1634339 SRM412430

B+-83

07-10 07-00 07-02

316 324 365

17557,0 12544,0 12501,1

354,0 469,5 451,7

2,02 3,74 3,61

0,00 3,02 2,91

LE LM LM

SIDNEY NERY EUDES ANSELMO DE ASSIS BRAGA CARLOS FABIO NOGUEIRA RIVELLI E OUTRO

1999 MG MG

TRI-Q-CHEKD GOLD BELL

378,6 363,9

2007 MG MG

QUALITY SB FRIN SHOREMAR JADE DUNCAN PROGRESS-ET

MB86

B+84 MB87

09-07 08-00 09-01

358 365 344

17158,9 11496,5 10768,2

770,6 430,3 349,0

4,49 3,74 3,24

500,3 351,4 300,0

2,92 3,06 2,79

LM LM LM

MAURILIO FERREIRA MACIEL MARCOS PAIVA FROTA E/OU PATRICIA N.P.FROTA CESAR GARCIA BRITO E/OU SIOMARA S.G.BRITO

BR1049810 BR1331035

B+81

10-05 10-07

365 365

17479,3 8325,2

610,3 300,6

3,49 3,61

443,8 258,9

2,54 3,11

LM --

SIDNEY NERY 2004 LAURO ANTONIO NOGUEIRA E/OU WAGNER A.NOGUEIRAMG

LADYS-MANOR AUGUSTA

VALLEY-DRIVE ZESTY ET CEDARWAL SPIRTE

CLINITA ZACK FREDERICK-ET

A SIR ENCHANT ET DELTA LAVA

PRIMEIRA DIVISãO 365 DIAS 3 ORDENHAS - PERÍODO 01/05/2013 A 31/05/2013 RAÇA: HOLANDESA nomE AnimAl

1 ANO PARIDA 2 ANOS JUNIOR 2 ANOS SENIOR 3 ANOS JUNIOR 3 ANOS SENIOR 4 ANOS JUNIOR 4 ANOS SENIOR

6 ANOS 7 ANOS ADULTA JUNIOR

REgistRo

ClAss

iDADE

DiAs lACt.

pRoD lEitE

pRoD goRD.

% pRoD goRD pRot.

% pRot.

tit.

uf

pRopRiEtáRio

nomE Do pAi

BR1544771 BX413148 BX413310

MB-86 B+84 B+82

01-11 01-09 01-10

365 365 365

19222,2 12010,4 11532,6

527,9 364,1 414,2

2,75 3,03 3,59

561,4 373,4 377,5

2,92 3,11 3,27

LM LM LM

EVARISTO FRANCISCO MARQUES/LEANDRO S.MARQUES 2012 LADYS-MANOR WILDMAN ET CAYUABA GENETICA & PECUARIA LTDA MG JENNY-LOU MRSHL TOYSTORY ET ARMANDO EDUARDO DE LIMA MENGE MG KERNDTWAY HOWIE-ET

BX413344 BX413344 BX414562

B+83 B+83 B+80

02-00 02-00 02-00

365 365 365

18400,2 18400,2 13280,0

659,4 659,4 401,0

3,58 3,58 3,02

544,2 544,2 454,7

2,96 2,96 3,42

LM LM LM

ARMANDO EDUARDO DE LIMA MENGE ARMANDO EDUARDO DE LIMA MENGE ELLOS JOSE NOLLI

MG MG MG

BR1449849 BX401513 BX400630

MB-86 MB85 B+83

02-11 02-11 02-10

365 361 365

18928,1 13353,2 10202,4

542,1 415,4 463,9

2,86 3,11 4,55

609,5 415,8 335,4

3,22 3,11 3,29

LM LM LM

CARLOS ALBERTO ADAO ELLOS JOSE NOLLI MAURO ANTONIO COSTA DE ARAUJO

2007 MG MG

ERBACRES DAMION BRAEDALE GOLDWYN

BX381065 BX400769 BX356077

MB-86 MB85 EX91

03-03 03-00 03-03

365 365 365

21167,2 13580,2 13579,5

451,0 421,5 434,0

2,13 3,10 3,20

650,7 403,8 398,0

3,07 2,97 2,93

LM LM LM

ELLOS JOSE NOLLI CELSO CERAVOLO PAOLIELLO GUILHERME E LEONARDO CORSINI SALLES

2012 MG MG

SANDY-VALLEY BOLTON ET BRAEDALE GOLDWYN FUSTEAD EMORY BLITZ-ET

BR1271165 BX393441 BX384768

MB-87 MB87 MB86

03-09 03-06 03-11

365 365 365

24051,0 16124,4 13464,9

792,0 557,0 273,6

3,29 3,45 2,03

367,0 507,0 419,0

1,53 3,14 3,11

LM LM --

LUIZ HENRIQUE SILVA E SORAYA T.A.MENDES SILVA ARMANDO EDUARDO DE LIMA MENGE DORA NORREMOSE VIEIRA MARQUES

2000 MG MG

ENGENHO DA RAINHA DIOMEDE 535 EMERSON-TE

BX409542 BX388081 BX377947

EX-90 MB85 B+83

04-00 04-00 04-04

365 321 365

21781,4 17224,5 15551,6

612,0 377,8 492,4

2,81 2,19 3,17

618,5 493,4 428,1

2,84 2,86 2,75

LM LM LM

ARMANDO EDUARDO DE LIMA MENGE ARMANDO EDUARDO DE LIMA MENGE COLLEM CONSTRUTORA MOHALLEM LTDA

2012 MG MG

CEDARWAL SPIRTE EMERALD-ACR-SA T-BAXTER SANDY-VALLEY BOLTON ET

BR1480978 BX380534 BX373924

B+-82 MB89 MB86

04-11 04-06 04-11

338 365 365

20907,1 15091,2 14584,4

324,5 575,7 477,2

1,55 3,81 3,27

569,9 526,4 446,3

2,73 3,49 3,06

-LM LM

ELLOS JOSE NOLLI ELLOS JOSE NOLLI MANUEL JACINTO GONCALVES

2012 MG MG

JEROM COMESTAR LHEROS-ET FAR-O-LA DEBBIE-JO DRAKE ET

BR1449851 BX364397 BX371426

EX-90 MB86 MB87

05-07 05-10 05-00

350 357 352

23153,7 17549,7 14084,9

564,1 462,5 565,0

2,44 2,64 4,01

655,6 511,6 422,6

2,83 2,91 3,00

LM LM LM

CARLOS ALBERTO ADAO ARMANDO EDUARDO DE LIMA MENGE MANUEL JACINTO GONCALVES

2007 MG MG

LADINO PARK TALENT-IMP-ET ITAGIBA NERO GIBSON

BR1452387 BX352706 BX364305

MB87 B+84

06-06 06-02 06-01

364 365 365

20778,0 17425,7 17360,5

598,4 480,6 512,9

2,88 2,76 2,95

587,9 470,5 499,5

2,83 2,70 2,88

LM LM LM

CARLOS ALBERTO ADAO COLLEM CONSTRUTORA MOHALLEM LTDA ARMANDO EDUARDO DE LIMA MENGE

2009 MG MG

NORRIELAKE CLEITUS LUKE-TW SANDY-VALLEY BLUE RIBBON-ET STOUDER MORTY-ET

BX251613 BB19702 BR1419776

B+-80 MB86 B+81

07-08 07-08 07-10

365 365 365

20238,5 16259,0 12250,6

616,6 425,5 447,9

3,05 2,62 3,66

517,9 457,5 391,6

2,56 2,81 3,20

LM LM LM

ARMANDO EDUARDO DE LIMA MENGE 2008 MARCIO MACIEL LEITE MG LAURO ANTONIO NOGUEIRA E/OU WAGNER A.NOGUEIRAMG

MAUGHLIN STORM-ET EMIELE RO-MARIO LA PRESENTATION GYPCO

BX192263 BX313743 BR1541189

B+-84 B+82

09-04 08-10

365 365 365

17819,0 14524,0 7361,5

643,0 246,7 209,1

3,61 1,70 2,84

534,0 372,3 207,0

3,00 2,56 2,81

---

ELY BONINI GARCIA CAYUABA GENETICA & PECUARIA LTDA VALENTINO RIZZIOLI

RONNYBROOK PRELUDE-ET NORRIELAKE CLEITUS LUKE-TW

A Associação Mineira possui vários serviços que auxiliam o dia a dia do criador.

2003 MG MG

EMERALD-ACR-SA T-BAXTER EMERALD-ACR-SA T-BAXTER REGANCREST ELTON DURHAM-ET

CEDARWAL SPIRTE

Informações: 32 4009 4300

oPortunidades

5 ANOS

RECORDISTA BRASILEIRA EF & LS COPACABANA WILDMAN ALFY CAYUABA TOYSTORY FLAMA MENGE HOWIE XEREZ 1573 RECORDISTA MINEIRA MENGE BAXTER XANDOCA 1563-TE MENGE BAXTER XANDOCA 1563-TE J.E.N. FADA DURHAN-FIV RECORDISTA MINEIRA C.A.A. JESSICA J.E.N. ELAINE DAMION MEARA KEZIA GOLDWYN ADELIA RECORDISTA MINEIRA J.E.N. CONDESSA BOLTON-TE MENGE GOLDWYN VANIA 1359-TE DE JONG MILA 18 BLITZ RECORDISTA BRASILEIRA VALE DO MILK’ DELICADA II MENGE SPIRTE UNIVERSO 1308 NORREMOSE 998 CRIK DIOMEDE RECORDISTA MINEIRA MENGE SPIRTE TAORMINA 1143 MENGE BAXTER ULIANA 1259 COLLEM BOLTON LANYS RECORDISTA MINEIRA J.E.N. BUENA SORTE JEROM RED-TE J.E.N. CHARMOSA LHEROS BOCAINA DRAKE VANDA ZEZE RECORDISTA MINEIRA C.A.A. AMERICA MENGE TALENT SAUDADE 1058 ITAGIBA PAULA MAGALI NERO RECORDISTA MINEIRA C.A.A. LILIAN LUKE COLLEM BLUE RIBBON IWENS MENGE MORTY SAMAMBAIA 1018-TE RECORDISTA MINEIRA LAGOS STORM LEILA 457 EMIELE IOLANDA 2 RO-MARIO LAN GOIANA GYPCO RECORDISTA MINEIRA MARIA’S MORENA PRELUDE-TE ALFY CAYUABA LUKE VALERIA-TE RIZI PRINCESA 928

eXPhomig 2013

BR1173977 BR1530518 BX326395

ETAZON WALLACE BRIGEEN GENEVA-ET

Criador, participe desta importante exposição organizada pela ACGHMG. A sua presença é fundamental.

ADULTA SENIOR

RECORDISTA MINEIRA ALFY CAYUABA WALLACE TUCA GALENA ESTANCIA GENEVA E.A.B. ALFAVILE 168 RECORDISTA MINEIRA E.A.B. AUGUSTA ZORAIDE 113 E.A.B. AGUIA 144 ALANA DOLMAN TELIANA RECORDISTA MINEIRA ITAGUACU TIANINA 2627 E.A.B. FORTALEZA 014 A.M.A. GOLDWYN LYDIA-649-TE RECORDISTA MINEIRA CALANDRA CARLOTA BLACKSTAR E.A.B. PIANO GARRINCHA 98 SANTOS REIS TOYSTORY GRACA RECORDISTA MINEIRA GALENA ESTETICA CESARE GVO SAUDADE ZESTY J.E.N. DALLITA SPIRTE RECORDISTA MINEIRA A.M.A. ASTRE CAMILA E.A.B. BORBOLETA 018 EMIELE DINAMARCA KIAN RECORDISTA MINEIRA C.J.C. ROCKY DOIDINHA CASA ROSA RAVINA 659 FZ-BA BATALHA 200 COSMO RECORDISTA BRASILEIRA JARDIM GENUINA E.A.B. CURITIBA 049 RIVELLI FREDERICK ANDEJA 0220 RECORDISTA MINEIRA CRUZILIA RENDILHA JOE RIO VERDE DUNDEE VICTORIA VICKY FZ-BA XIMBICA 177 POETA RECORDISTA MINEIRA GENOVA GOLD BELL DE SANTA PAULA E.A.B. MASCARADA 1325 RIVELLI JULIETA 0153 RECORDISTA MINEIRA CRUZILIA LEGENDA FRIN FZ-BA VIVA 150 JADE C.S.C.S. IASMIN MEGABUCK PROGRESS-TE RECORDISTA MINEIRA DOUTORA ENCHANT RILENE J.C. LAN VITORIA LAVA

ClAss

Jornal Holandês Agosto de 2013

4 ANOS SENIOR

REgistRo

19


20 Jornal HolandĂŞs Agosto de 2013

Prestigie! www.exphomig.com.br

eXPhomig: reFerĂŠncia nacional


Jornal holandes agosto