Page 1

Cidades Política Cultura Esportes São Caetano Mundo Economia Tecno

3, 4 e 5 6, 7 e 8 9 10 e 11 12 13 14 e 15 16

Foto: Divulgação

Abastecimento de água e dívida em pauta

NESTA EDIÇÃO

Tratamento de esgoto também foi discutido entre Sabesp e Semasa. 4Pág. 03

Jacomussi promete relação harmoniosa com vereadores Atila recebeu os vereadores em seu gabinete esta semana. 4Pág. 06

Conheça os fãs de Chaves que dedicam tempo ao próximo

abc

4Pág. 09

Sábado, 14 de janeiro de 2017 Edição 2447 Ano XI

FUABC paga salários e sindicato afasta risco de greve na Saúde

4Pág. 07

Foto: Divulgação

4Pág. 06

Prefeito de Ribeirão Pires acionou os mais de 320 profissionais aprovados essa semana.

Foto: Divulgação

Com quase uma semana de atraso, a Fundação do ABC (FUABC) depositou o salário de dezembro dos mais de 600 funcionários da Saúde que atuam no Complexo Hospitalar Municipal Maria Braido, em São Caetano. O pagamento foi feito após acordo na última quarta-feira entre a organização de saúde e prefeitura. Diante da transferência dos valores, o Sindicato dos Empregados em Estabelecimentos Privados de Saúde do ABC (SindSaúde) cancelou a assembleia convocada para aprovação de aviso de greve da categoria.

Adler Kiko convoca professores

Ribeirão Pires abre inscrições para cursos gratuitos

DESTAQUE SQN

política Cármen Lúcia diz que facções dominam presídios. 4Pág. 08

esportes Bridgestone propõe parceria com o Esporte na em Santo André.

Siga-nos

4Pág. 10

economia Temer projeta queda ‘pouco a pouco’ da taxa Selic ao patamar de um dígito.

• @grupohojelivre • jornal.hojelivre

Foto: Divulgação

4Pág. 14

Interessados podem escolher entre os cursos de artes, teatro, dança e música e as inscrições serão realizadas no Centro Cultural. 4Pág. 05

tecno Dona do Google encerra projeto que usava drones para levar internet. 4Pág. 16


sábado, 14 de janeiro de 2017

www.jornalhojelivre.com.br

2 editorial

Corte nos juros

PASSANDO A LIMPO Foto: Divulgação

sonegação n A pedido do Ministério Público Federal em Santos (SP), a Justiça Fede-

ral condenou quatro acusados por esquema milionário de sonegação de tributos na importação de mercadorias entre 2010 e 2012, alvo da Operação Navio Fantasma. Mais de 30 pessoas integravam o grupo criminoso que atuava no Porto de Santos e em aeroportos de São Paulo, Rio e Curitiba. O prejuízo aos cofres públicos é estimado em R$ 25,5 milhões, em valores atualizados em 2015.

condenação n Os réus condenados faziam parte do núcleo que agia no aeroporto

Afonso Pena, na capital paranaense. As informações foram divulgadas pela Procuradoria da República em São Paulo. A autora da denúncia que levou à condenação dos quatro réus é a procuradora da República Juliana Mendes Daun Fonseca. As irregularidades eram baseadas no registro do trânsito aduaneiro das mercadorias no Brasil.

importações n Segundo o procedimento regular de importação, os produtos estran-

geiros que chegam ao País podem ser liberados pela unidade da Receita no local de entrada ou transportados, a pedido do importador, até outro terminal onde haja o controle aduaneiro para o despacho da carga e a eventual cobrança dos tributos. O esquema se valia dessa possibilidade de remoção para desviar os carregamentos e inseri-los no mercado brasileiro sem a passagem por postos da alfândega

Rua José Versolato 111, Torre B- Conjunto 802 - SBC CEP 09750-730 Tel: 23791915

www.jornalhojelivre.com.br Publisher: Luciana Sereno Diagramação: Natália Sabino comercial.hojelivre@gmail.com redacao.hojelivre@gmail.com ANUNCIE: 950600843

Circulação: SCS, SBC, Santo André, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e RGS TIRAGEM E VEICULAÇÃO: 30 MIL EXEMPLARES

Tiragem Auditada por CMH Comunicação Integrada Circulação Garantida

A aceleração no corte dos juros, empreendida pelo Banco Central na última reunião do Conselho de Política Monetária (Copom), representa, antes de tudo, um realinhamento da autoridade monetária com a posição que vinha se tornando majoritária, entre economistas e analistas em geral, de que o BC precisava apressar o passo do afrouxamento da política anti-inflacionária. Depois da segunda reunião com o modesto corte de 0,25 ponto percentual, deixando a taxa básica de juros (Selic) em 13,75%, aumentou a crítica de que a autoridade monetária estava muito conservadora diante de um cenário claro de inflação em baixa. Foram feitas, inclusive, análises de cunho mais político sobre uma hipotética — e desnecessária — preocupação de Ilan Goldfajn de, por meio de um conservadorismo em excesso, marcar a autonomia de sua equipe no BC em relação ao Planalto, muito diferente do que acontecera no relacionamento no governo Dilma entre o Planalto e a instituição, no período de Alexandre Tombini. Importa é que o corte de 0,75 ponto nos juros, deixando a Selic em 13%, injeta mais otimismo nas expectativas para 2017, que não eram muito animadoras no início de dezembro.

Foto: Divulgação

foram importante vitória, porque representou uma corte de aproximadamente quatro pontos percentuais em relação aos 10,67%, de 2015, símbolo da desregrada política fiscal da gestão Dilma Rousseff. Foi, assim, possível encerrar o ano com a inflação abaixo da margem superior de tolerância de 6,5%. As expectativas de que a economia crescerá no segundo semestre começam a ser antecipadas. Reforçam o otimismo as estimativas de uma safra agrícola das melhores — e que também ajuda a impedir que os alimentos voltem a pressionar o IPCA. PUBLICIDADE

Mas a inflação se manteve ladeira abaixo, o IPCA foi de apenas 0,3% em dezembro — abaixo mesmo do 0,36% da última previsão para o ano feita pelos analistas no relatório Focus, do BC —, e houve confiança no Copom na redução mais forte. Que poderá se repetir na próxima reunião.

Juros e inflação em baixa são variáveis básicas da equação do crescimento do PIB. Mas não as únicas. É certo que a tendência do cenário é de melhoria, mas ainda existem dúvidas sobre o ajuste fiscal, muito dependente da reforma da Previdência, ainda a ser deliberada pelo Congresso, e da situação dos estados, também cruciais para o equilíbrio das contas da União. A Lava-Jato e seu potencial de desestabilização política do governo não pode ser esquecido, nem deve ser descartada a possibilidade de, a depender da forma com que Donald Trump assuma a Casa Branca, no final da semana que vem, o Copom ter de ajustar seus sensores, caso o banco central americano (Fed) acelere a elevação dos juros. Basta que Trump e seu anunciado protecionismo aticem a inflação americana.

Neste último relatório, fechado na sexta-feira passada, a mediana das apostas do mercado é que a inflação de 2017 será de 4,81%, muito próxima da meta de 4,5%. Talvez ela seja atingida ainda este ano. Os 6,29% da elevação dos preços, no ano passado, já

Mas não se trata de problemas que não possam ser esgrimidos pelo BC. Não apenas os juros brasileiros continuam com boa margem para cortes, como a própria distensão do ambiente econômico e dos negócios é um fator a ser levado em conta.

FRASES

Eu dormia na banheira, côncava, em cima da mala e de um edredom velho. Cláudia Raia, atriz

Foto: Divulgação


www.jornalhojelivre.com.br

sábado, 14 de janeiro de 2017

cidades

santo andré

Foto: Divulgação

3

requebrando CEU das Artes J ardim Marek oferece cursos gratuitos de dança Neste mês, o Centro de Artes e Esportes Unificados (CEU) das Artes Jardim Marek realiza cursos gratuitos de dança. São aulas de Lambaeróbica e Sertanejo Universitário. Em fevereiro também será oferecido o curso de Dança Cigana. As atividades contam com a participação de professores voluntários e os interessados podem obter mais informações através do telefone 4458-1227. As aulas de Lambaeróbica, a cargo da professora Cida, acontecem de quarta e sexta-feira, das 19h30 às 20h30. As de Sertanejo Universitário, com o Grupo Art Dance, são realizadas às quintas-feiras, das 19h30 às 212h30. E no dia 7 de fevereiro terão início as aulas de Dança Cigana, com a professora Dirce. Os encontros serão às terças-feiras, das 8h30 às 10h. Todas atividades são gratuitas. Localizado na Rua Engenheiro Alfredo Heitzmann, o CEU das Artes Jardim Marek é um espaço multiuso e conta com biblioteca com telecentro, salas multiuso, além de pista de skate, playground, quadra poliesportiva coberta, quadra de areia, jogos de mesa, pista de caminhada e equipamentos de alongamento e ginástica.

Abastecimento de água, tratamento de esgoto e dívida são temas da segunda reunião entre Semasa e Sabesp Na segunda reunião entre representantes do Semasa (Serviço Municipal de Saneamento Ambiental de Santo André) e da Sabesp (Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo), realizada na quinta-feira (12) pela manhã na sede da autarquia, os técnicos das duas instituições trocaram informações sobre abastecimento de água, coleta e tratamento de esgoto em Santo André, além de questões comerciais. O objetivo é encontrar soluções integradas para o saneamento de Santo André e, principalmente, acabar com a falta de água no município. A partir da próxima semana, a Sabesp realizará visitas técnicas nas diversas áreas do Semasa e a empresa estadual deve fazer um diagnóstico dos principais problemas que Santo

André precisa enfrentar para acabar com os problemas de abastecimento na cidade. “A reunião foi muito produtiva, objetiva e transparente. É esse tipo de diálogo que resolve o problema”, afirmou o superintendente do Semasa, Ajan Marques. A opinião é compartilhada pelo superintendente da Área Sul da Sabesp, Roberval Tavares. “Esta abertura de diálogo passa por soluções para o abastecimento de água, para o equacionamento da dívida - que foi deixada pelos governos anteriores – e para a melhoria do tratamento de esgoto. Estes três pontos estamos discutindo na reunião”, afirmou Tavares. O superintendente do Semasa explicou ainda que são necessárias outras reuniões por áreas técnicas da au-

tarquia, que vão acontecer ao longo das próximas semanas. “A intenção é que a solução conjunta seja boa para todo mundo: população, Semasa e Sabesp”, acrescentou Ajan Marques. “Há medidas boas que a gente precisa incrementar. Eles trarão para nós soluções que já utilizaram e podem ser positivas aqui para reduzir perdas de água ou melhoraraoperação”,finalizouAjanMarques. A primeira reunião entre representantes do Semasa e da Sabesp foi realizada na sede da empresa estadual, na última segunda-feira (9). Antes, o prefeito de Santo André, Paulo Serra, havia se reunido com o presidente da Sabesp, Jerson Kelman, pedindo a abertura do diálogo da cidade com a empresa.

Serviço: Cursos gratuitos de dança no CEU Jardim Marek Endereço: Rua Engenheiro Alfredo Heitzmann Aulas de Lambaeróbica, Sertanejo Universitário e Dança Cigana Inscrições e informações pelo telefone 4458-1227 Foto: Divulgação


sábado, 14 de janeiro de 2017

4

www.jornalhojelivre.com.br

CIDADES

contexto

Sesc promove série de atividades durante o verão

Foto: Divulgação

A prática esportiva democrática como possibilidade de educação e de melhoria da qualidade de vida em todas as faixas etárias. É com este intuito que o Sesc São Paulo abre 2017 com a 22ª edição do Sesc Verão, convidando a população a incluir o esporte na sua rotina diária. O público terá à disposição um variado leque de atividades para ampliar suas possibilidades de prática esportiva tais como vivências com importantes nomes do esporte nacional, aulas abertas, apresentações esportivas, exposições, encontros e torneios, planejadas para todas as faixas etárias, em ambientes que favorecem a socialização e participação de todos. Para o Diretor Regional do Sesc SP, Danilo Santos de Miranda, “a proposta é tornar o Esporte cada vez mais democrático, possível e acessível para todas as pessoas, independente da idade, nível de habilidade ou objetivos pessoais. Um esporte que prima pelo desenvolvimento pessoal e social, capaz de desencadear bem-estar e qualidade de vida”. Pesquisa Uma importante novidade que norteou a elaboração da programação desta edição do Sesc Verão foi a pesquisa realizada em 2015 junto aos frequentadores das Unidades do Sesc em São Paulo. O levantamento apurou os hábitos de cultura e lazer dos entrevistados, sobretudo na prática esportiva. Verão 2017 A programação oferecida pelo Sesc Santo André inclui vivências, aulas abertas, apresentações esportivas e instalação lúdica sobre esportes para todas as idades. São mais de 20 atividades em áreas como danças, artes marciais, ginástica rítmica, corfebol, trampolim acrobático, patinação artística, entre outras. Confira abaixo a programação completa: Conhecendo o Tumbling Tumbling é uma cama elástica alongada na qual o praticante se utiliza da propulsão para executar as mais diversas séries acrobáticas. Livre, grátis. Até 26/02. Sábados e domingos, das 10h30 às 18h; 10/01 a 24/02. Terça a sexta, das 10h30 às 20h; 27/02. Segunda, das 10h30 às 18h Dança Esportiva: Latina No Espaço de Eventos. Inscrições gra-

tuitas no local, com 30 minutos de antecedência. Não recomendado para menores de 12. Grátis. 07/01. Sábado, das 11h às 12h30; 04/02. Sábado, das 11h às 12h30;18/02. Sábado, das 11h às 12h30 Desafio: De Santo André (BRA) a Wroclaw (POL), Remando - Com os instrutores do Sesc Santo André. Não recomendado para menores de 12. Grátis. 07/01 a 28/02. Segunda a domingo, das 11h às 18h30 Conhecendo a Dança Esportiva Apresentações e vivências dos 3 grupos de ritmos 14h às 15h – Salsa; 15h às 16h - Rock & Roll: rock & roll, boogiewoogie e lindyhop; 16h às 17h - Dança Standard: valsa lenta, valsa vienense, quickstep, slow fox, tango internacional. Não recomendado para menores de 12. Grátis. 07/01. Sábado, das 14h às 17h Nadando com Nadadeiras Na Piscina Coberta. Livre, grátis. Necessário credencial plena e exame dermatológico válidos.07 a 28/01. Sábados, das 15h às 15h30: Trampolim Acrobático Livre,grátis. 08/01. Domingo, das 12h às 18h Jogos do Mundo Aquático Jogos de quadra e gramado Na Piscina Coberta. Livre, grátis. 08 a 29/01. Necessário credencial plena e exame

dermatológico válidos. Domingos, das 15h às 15h30 Apresentação esportiva Trampolim Acrobático - Com os atletas da equipe de Campinas (SP) No Espaço de Eventos. Livre, grátis. 08/01. Domingo, das 13h30 às 14h30 e das 15h30 às 16h30 Esportes de Patinar Vivência de patinação inline e roller.. Livre, grátis. 10 a 13/01. Terça a sexta, das 11h às 19h; 14 a 15/01. Sábado e domingo, das 11h às 18h Dança Esportiva: Salsa No Espaço de Eventos. Inscrições no local, com 30 minutos de antecedência. Não recomendado para menores de 12. Grátis Sábados 14/01, 28/01, 11/02, 25/02 das 11h às 12h30 Quero conhecer o Jiu-Jitsu - Com Sensei Renato Lopes A aula aberta no Espaço de Eventos. Livre, grátis, 15/01 a 12/02. Domingos, das 11h às 12h30, Exceto dias 22/1 e 5/2. Patinação Artística - Com Marcelo Sturmer e Talita Haas Livre, grátis. 15/01. Domingo, das 14h30 às 16h Conhecendo a Ginástica Rítmica - Com Instrutores da Equipe GR Brasil. O público será convidado a experimentar as técnicas da GR com a manipulação

dos seus 5 aparelhos: arco, bola, corda, fita e maça. No Espaço de Eventos. Livre, grátis. 17 a 20/01. Terça a sexta, das 11h às 19h; 21 a 22/01. Sábado e domingo, das 11h às 18h Quero conhecer o Kickboxe Aula aberta. Não recomendado para menores de 12. Grátis. 22/01. Domingo, das 11h às 12h30 Apresentação de Ginástica Rítmica Com a Seleção Brasileira de Ginástica Rítmica Livre, grátis. 22/01. Domingo, das 14h às 17h Conheça o Corfebol Nas Quadras.Livre, grátis. 24 a 27/01. Terça a sexta, das 11h às 19h Apresentação de Ginástica Acrobática Livre, Grátis; 28/01. Sábado, das 14h30 às 16h Conheça o Floorbol Livre, grátis. 31/01 a 03/02. Terça a sexta, das 11h às 19h. 04 a 05/02. Sábado e domingo, das 11h às 18h Conheça a Bocha Livre, grátis. 31/01 a 03/02. Terça a sexta, das 11h às 19h; 04 a 05/02. Sábado e domingo, das 11h às 18h Sesc Santo André - Rua Tamarutaca, 302 – Vila Guiomar – Santo André Telefone – (11) 4469-1200 http://www.sescsp.org.br/santoandre


www.jornalhojelivre.com.br

sábado, 14 de janeiro de 2017

cidades

contexto

Foto: Divulgação

5

face a face Regional de Ouro Fino atende moradores do bairro Ouro Fino Paulista é o maior bairro de Ribeirão Pires em extensão territorial e é composto por cerca de 80% de área rural. Frente a essa demanda, a nova gestão da Secretaria de Desenvolvimento Regional de Ouro Fino Paulista prioriza o atendimento direto da população, focando nas solicitações dos moradores da região. Já nos primeiros dias de 2017, o trabalho da regional incluiu limpeza em pontos diversos de Ouro Fino, focando locais próximos a escolas e da Unidade Básica de Saúde do bairro. Além disso, a secretaria também realizou a retirada de lixo e colocação de cascalho em vias de terra da cidade. Segundo o secretário da Regional de Ouro Fino Paulista, Jorge Luis de Moraes, a aproximação com a população e com as demandas do bairro são importantes para que haja uma reestruturação no bairro. “A população não pode ficar se sentindo abandonada. Estamos de portas abertas para ouvir o que os moradores do bairro têm a falar, queremos atender as demandas”, declarou o secretário. Para os próximos dias, o cronograma de ações da Regional inclui limpeza e roçagem em canteiros localizados na Rodovia Índio Tibiriçá; retirada de entulhos em ruas do bairro; e atendimento de moradores. Foto: Divulgação

Centro Cultural de Ribeirão Pires abre inscrições para cursos gratuitos A Prefeitura de Ribeirão Pires abrirá inscrições para os cursos gratuitos das Escolas Municipais de Artes, Dança, Teatro e Música. Os interessados em frequentar as aulas deverão comparecer entre os dias 30 de janeiro e 03 de fevereiro, das 8h

às 17h, no Centro Cultural – Rua Dr. Yutaka Ishihara, 220 - Jardim Pastoril. No ato da inscrição é necessário levar cópia do comprovante de residência e do RG, e duas fotos 3x4. Dentre os cursos disponíveis estão ballet e

teatro (a partir de 7 anos); desenho mangá (a partir de 11 anos); desenho artístico e pintura em tela (ambos a partir de 15 anos), entre outras opções. Mais informações pelos telefones 4824 1781 e 4822 4724.


sábado, 14 de janeiro de 2017

6

www.jornalhojelivre.com.br

política

mauá

acerto

FUABC paga salários e sindicato afasta risco de greve na Saúde Foto: Divulgação

Jacomussi se reúne com vereadores e promete construir ‘relação harmoniosa’ O prefeito de Mauá, Atila Jacomussi, recebeu os vereadores em seu gabinete esta semana. O encontro serviu para expor as estratégias do novo governo aos parlamentares. Durante a reunião, o socialista enfatizou a importância de prefeitura e Câmara atuarem dentro do mesmo propósito. “Apesar de independentes, Legislativo e Executivo são poderes harmônicos, que devem trabalhar sempre visando o melhor para o povo”, ressaltou o prefeito, ao destacar que as secretarias estão preparadas para atender às demandas encaminhadas pela população. Na ocasião, os vereadores aprovaram a iniciativa do prefeito de buscar o diálogo com a Câmara, em uma relação de respeito e comprometimento. Atila externou que o contato com o Legislativo será sistemático. “Todos somos representantes do povo. É para a população que trabalhamos”, concluiu. Também participaram do encontro os secretários de Comunicação, Cultura e Juventude, Márcio de Souza; e de Governo e chefe de Gabinete, João Gaspar.

Com quase uma semana de atraso, a Fundação do ABC (FUABC) depositou na quinta-feira (12) o salário de dezembro dos mais de 600 funcionários da Saúde que atuam no Complexo Hospitalar Municipal Maria Braido, em São Caetano. O pagamento foi feito após acordo firmado na última quarta-feira entre a organização de saúde e prefeitura. Diante da transferência dos valores, o Sindicato dos Empregados em Estabelecimentos Privados de Saúde do ABC (SindSaúde) cancelou a assembleia convocada para aprovação de aviso de greve da categoria. A entidade sindical, porém, afirma que, “posteriormente”, cobrará os encargos pelo atraso dos vencimentos. Procuradas, a Fundação do ABC e a Prefeitura de São Caetano não informaram os termos do acordo ou o valor do repasse para viabili-

zação dos depósitos, antes previstos para a próxima segunda-feira. No início da semana, o prefeito José Auricchio Junior (PSDB) havia afirmado que a pendência com a categoria estava sendo tratada como “prioridade” pelo governo, mas sustentou não haver recursos em caixa pa­ra honrar os pagamentos. Em dezembro passado, o ex-prefeito de Santo André Carlos Grana (PT) enfrentou problema semelhante devido ao atraso no repasse para pagamento do 13º salário dos funcionários vinculados à FUABC. Na cidade, os trabalhadores chegaram a decretar greve, que perdurou por quase 20 dias, prejudicando os serviços na cidade. Cerca de 35% dos profissionais da saúde pública de Santo André são contratados pela fundação. O impasse só foi resolvido com a

transferência de cerca de R$ 4,8 milhões à organização social para pagamento de duas parcelas em atraso do bônus. Na oportunidade, Grana havia assegurado reserva de recursos para pagamento dos salários de dezembro dos funcionários indiretos da Saúde, depositados em janeiro. Pendências Porém, de acordo com o prefeito de Santo André, Paulo Serra (PSDB), ainda há pendências com a organização de saúde deixada pela gestão anterior, como o 13º salário dos médicos. Uma nova proposta de pagamento deverá ser feita à categoria na próxima sexta-feira. O atraso no pagamento dos vencimentos e do 13º dos médicos contratados pela FUABC também resultou em greve da categoria no último mês de gestão do ex-prefeito de Mauá Donisete Braga (PT).

Ginásio Atila também visitou o Ginásio Celso Daniel acompanhado da equipe técnica do Paço e de secretários. “Constatamos abandono e problemas que podem se tornar sérias dores de cabeça. Por isso determinei estudos para verificar se existem problemas estruturais e ações imediatas para recuperação do espaço”, disse. Foto: Divulgação


www.jornalhojelivre.com.br

sábado, 14 de janeiro de 2017

política

7

ribeirão

Kiko convoca 321 professores aprovados em concurso público Foto: Divulgação

A Prefeitura de Ribeirão Pires convocou esta semana, 321 professores aprovados em concurso público e chamados irregularmente no final de dezembro pela gestão passada. A necessidade da regularização da convocação e o compromisso da atual administração com os educadores foram questões debatidas entre o prefeito Adler Teixeira, o Kiko (PSB), comissão de professores e o Sindicato de Trabalhadores da Educação do município (Sineduc), representado por sua presidente, Perla de Freitas. No último dia 6, Kiko recebeu o grupo para esclarecer a suspensão das convocações irregulares de 2016 e se comprometeu a apresentar as medidas para tornar o processo regular ainda nesta semana. “Havíamos estipulado prazo de iniciar a regularização das convocações até sexta-feira (hoje). Devido à urgência deste caso, antecipamos o retorno aos pro-

fessores para tranquilizá-los”, esclareceu o prefeito. Os cerca de 300 professores foram convocados de forma irregular no último mês da gestão anterior. Na última semana, a prefeitura, por meio da Secretaria de Administração e Modernização, suspendeu as contratações desses profissionais, seguindo as determinações da Lei de Responsabilidade Fiscal, que veda a pratica de qualquer ato que im-

plique no aumento de despesas com pessoal nos 180 dias que antecedem o final do mandato. Todas as nomeações feitas no referido período contrariam a legislação vigente, portanto, por orientação do corpo jurídico do governo, os atos foram anulados para enquadramento na norma legal, evitando, assim, maiores prejuízos aos aprovados. Fernanda Alves Costa, aprovada no

S.Paulo agiliza atendimento a mulheres vítimas de violência Para melhorar o procedimento de assistência às mulheres vítimas de violência, o Estado de São Paulo anunciou na quinta-feira (12) duas importantes ações. A primeira é o Projeto Integrar que, em parceria com o Ministério Público, busca facilitar a aplicação e a efetivação da Lei Maria da Penha. Além disso, foi assinado o Protocolo Único de Atendimento, que prevê a adoção de um padrão para este tipo de ocorrência a ser seguido pelas polícias Civil, Militar e Técnico-Científica. A partir do Protocolo Único novas medidas serão seguidas, como o o atendimento rápido pela autoridade policial. Em seguida, a vítima será fotografada para registrar as possíveis lesões. Já no Projeto Integrar, os profissionais receberão um novo treinamento para atender este tipo de ocorrência e as ações serão sempre conjuntas. “Estamos unindo esforços para trabalharmos de forma integrada conseguindo, assim, atendimento mais rápido e mais agilidade”, afirmou o governador Geraldo Alckmin, durante o lançamento dos programas, que contou com a participação do secretário da Segurança Pública, Mágino Alves Barbosa Filho, e pelo procuradorgeral de Justiça, Gianpaolo Poggio Smanio. “Um exemplo prático desse

concurso público para o cargo de Professora de Desenvolvimento Infantil, é uma das representantes da comissão de professores recebida pelo prefeito. A educadora avaliou positivamente a condução do processo pela prefeitura. “Achei muito rápido e claro. O prefeito nos recebeu com bastante empenho. Senti que a prefeitura está aberta para o diálogo com os professores”, destacou. A convocação dos professores, que será feita seguindo a ordem de classificação dos aprovados no concurso, foi anunciada em reunião realizada nesta quarta-feira entre o Sineduc, comissão de professores e o prefeito. Participaram do encontro o vice-prefeito da cidade, Gabriel Roncon, o secretário de Administração e Modernização, Adriano Dias Campos, e a secretária de Educação, Inclusão e Tecnologia, Flávia Regina Banwart e Silva.

Foto: Divulgação

será linear. É um objetivo, mas é a CCO que vai analisar, conforme a necessidade de cada área”, explicou o prefeito.

trabalho em conjunto é a fotografia. A mulher chega na delegacia e já faz uma foto. Depois, haverá uma imediata audiência. Vamos ainda estabelecer o Protocolo Único”, disse Alckmin. Ainda de acordo com o governador a violência contra a mulher, geralmente, fica camuflada. “A violência doméstica, por exemplo, fica abafada nos muros da casa, o que é extremamente grave”, completou. Projeto Integrar A Secretaria de Segurança Pública e o Ministério Público vão trabalhar juntos para reforçar ações conjuntas entre os órgãos para o enfrentamento da violência contra a mulher. Esta parceria visa facilitar a aplicação e a efetivação da Lei Maria da Penha, através do constante aperfeiçoamento dos profissionais que lidam com essas vítimas. Os policiais receberão cartilha e material didático de treinamento para a reali-

zação de cursos e reuniões. Uma série de procedimentos visa ainda melhorar o fluxo de informações entre as instituições, acelerar a tramitação dos autos, agilizar a investigação e aperfeiçoar as estratégias de proteção às mulheres em situação de violência. O convênio, que vai vigorar por cinco anos, será desenvolvido em duas fases: primeiro na capital e depois na região metropolitana e interior do Estado de São Paulo.bilhão em receitas, dos R$ 3,2 bilhões previstos no orçamento para aquele ano. “Além de mandar orçamento fictício, executaram um orçamento fictício, ou seja, executaram mais serviços do que havia de recursos disponíveis”, destacou Serra. Para perseguir a meta de economia, foi criada uma Comissão de Controle Orçamentário (CCO), que será responsável pela análise de liberação de recursos para cada uma das áreas da administração. “O contingenciamento não

Semasa Além do plano de redução do orçamento, o prefeito de Santo André confirmou ontem o retorno de Ajan Marques na superintendência do Serviço Municipal de Saneamento Ambiental de Santo André (Semasa). Marques comandou a autarquia entre 1993 e 1996, durante a gestão do ex-prefeito Newton da Costa Brandão – morto em 2010. Ex-adjunto da pasta de Mobilidade Urbana, Obras e Serviços Públicos, Ricardo da Silva Kondratovich passa a ocupar o posto de superintendente adjunto do Semasa. O novo comandante da autarquia terá sua primeira agenda no posto nesta segunda-feira (9), em reunião com o presidente da Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo (Sabesp), Jerson Kelman. No encontro Ajan apresentará uma lista de nove demandas à empresa estadual, entre elas a criação de microzonas para redução de pressão e sistema de caça-vazamentos. “A primeira prioridade será colocar água na torneira da população, que não pode pagar a conta e não receber água em casa. Em um segundo momento trataremos da questão da dívida”, informou o prefeito.


sábado, 14 de janeiro de 2017

8

www.jornalhojelivre.com.br

política

contexto

Cármen Lúcia diz que facções dominam presídios e pede ‘choque de jurisdição’

Foto: Divulgação

A ministra Cármen Lúcia, presidente do Supremo Tribunal Federal (STF) e do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), afirmou a presidentes de Tribunais de Justiça estaduais de todo o Brasil que “é hora de agir com firmeza e rapidez” e defendeu um “choque de jurisdição” em relação à análise de processos penais. Em uma reunião de cinco horas, no gabinete presidencial do STF, a ministra cobrou ações do Judiciário e comunicou medidas que serão implementadas pelo CNJ, instituição que tem como papel aperfeiçoar o trabalho do sistema judiciário brasileiro. Esses foram os primeiros comentários de Cármen tornados públicos desde o agravamento da crise no sistema penitenciário. Ao romper o silêncio, Cármen Lúcia falou que a “situação é de emergência” e que “as facções criminosas mais do que nunca dominam nos pre-

sídios”. Neste ponto, há uma diferença diante do discurso do ministro da Justiça, Alexandre de Moraes, que em pelo menos uma entrevista relativizou a participação das facções nos massacres. Na reunião, Cármen Lúcia também pediu informações sobre quantos presos provisórios existem dentro da população carcerária de cada estado e solicitou aos presidentes dos TJs que informem, em planilhas, até as 17h da próxima terçafeira (17), a disponibilidade de juízes auxiliares e de servidores para trabalharem em um “esforço concentrado” nas varas criminais e de execução. A ideia é que, por 90 dias, uma equipe de cada tribunal esteja deslocada para isto, mas que o trabalho continue sendo feito permanentemente. Ela pediu que os TJs tenham reuniões com o Ministério Público e a Defensoria Pública nos Estados, com a pre-

sença da OAB, para agilizar a realização de julgamentos dos processos pendentes. A ideia do “esforço concentrado” nas execuções penais parte da constatação de que há uma quantidade enorme de presos aguardando julgamentos em todo o País, o que aumenta a massa carcerária. A proposta, no entanto, é que seja algo permanente e, assim, supere em eficiência os mutirões carcerários antigamente realizados pelo CNJ. Na reunião Cármen disse que “mutirões são como soluços”, porque são passageiros. Na última quarta-feira (11), começou um mutirão carcerário no Amazonas, e o presidente do TJ-AM, Flavio Pascarelli, afirmou que isto era importante no momento de crise, mas disse que “precisamos de soluções mais doadoras”. Na reunião, a ministra também comuni-

cou aos desembargadores a realização do censo penitenciário e do cadastro nacional de presos, que será realizado pelo CNJ com o apoio de outros órgãos como o IBGE. Ela também anunciou que foi criado um grupo especial de trabalho integrado por 11 juízes de diferentes localidades com o intuito de identificar os problemas nas varas de execução penal. A reunião também marcou o primeiro dia de trabalho da juíza Maria de Fátima Alves da Silva, a nova diretora do DMF o Departamento de Monitoramento e Fiscalização do Sistema Carcerário e do Sistema de Execução de Medidas Educativas do CNJ. Nomeada por Cármen quatro meses após a posse da própria presidente no CNJ, Maria de Fátima Alves da Silva iniciou e iniciou os trabalhos nesta quinta. A juíza disse aos desembargadores que “está à disposição para ajudar”.


www.jornalhojelivre.com.br

sábado, 14 de janeiro de 2017

cultura

9

agenda

Chaves solidário: conheça os fãs da série que dedicam seu tempo a ajudar o próximo

Foto: Divulgação

Que a série chaves diverte 3 gerações no brasil, e continua atual, todo mundo sabe, o que nem todo mundo sabe, é que a série inspirou um grupo de amigos, para criar um grupo solidário, o “Solidários del ocho”.

O Solidários del ocho é uma ONG que utiliza os personagens criados pelo humorista Roberto Bolaños, para intervir junto a crianças, adolescentes e outros públicos em situação de vulnerabilidade e risco social em hospitais,Asilos,orfanatos

e escolas.o nome do grupo é uma homenagem ao seriado chaves,que no original se chama “El chavo del ocho” Fundado por um grupo de amigos, fãs do seriado chaves, em março de 2015; a associação já realizou mais de 60 visi-

tas a crianças hospitalizadas,idosos em asilos e shows para o público em geral. O trabalho é gratuito para os hospitais e mantido por doações de empresas e de pessoas.


sábado, 14 de janeiro de 2017

www.jornalhojelivre.com.br

10 esportes contexto

Bridgestone propõe parceria com o Esporte em Santo André

Foto: Divulgação

copa são paulo Destruidor, São Caetano vira e elimina Goiás São Caetano e Goiás fizeram jogo repleto de emoções nesta quartafeira, no Nicolau Alayon, pela segunda fase da Copa São Paulo. Ao término do jogo, o Azulinho levou a melhor e venceu por 2 a 1, resultado que garantiu a presença do clube do ABC na terceira fase da competição. O jogo Desde o início da partida, o time azulino teve total controle de jogo e construiu as principais oportunidades. Contudo, o clube esmeraldino é quem abriu o placar aos cinco minutos. Patrick completou cruzamento da direita e fez 1 a 0. O São Caetano não se intimidou e se atirou ao ataque em busca do empate. Exemplo desta pressão aconteceu aos 14 minutos.Matheus aproveitou cruzamento da direita e chutou rente a trave. No lance seguinte foi a vez de Felipinho, que finalizou de fora da área e obrigou o goleiro a fazer boa defesa. Persistente, o São Caetano empatou aos 47 minutos. Matheus recebeu de Victor Luiz e chutou forte para deixar tudo igual. Na segunda etapa, o Azulinho continuou melhor. Com um jogador a mais depois da expulsão de Cleuber, a virada finalmente aconteceu nos acréscimos. Quando o relógio anotava 48 minutos, Matheus fez fila na defesa do Goiás e foi derrubado na grande área. O arbitro anotou o pênalti, que Marlon cobrou. O goleiro ainda defendeu a finalização do atacante, mas a bola caprichosamente morreu no fundo das redes para definir a vitória por 2 a 1. Sequência O São Caetano agora aguarda o vencedor de Flamengo (RJ) e Nacional, duelo que também será realizado nesta quarta-feira, para saber quem irá enfrentar na fase seguinte da Copa São Paulo. Gols: Patrick, aos 5’ do 1º tempo(Goiás); Matheus, aos 47’ do 1ºtempo(São Caetano) e Marlon, aos 48’ do 2º tempo(São Caetano).

A empresa Bridgestone realizou um encontro no Paço na tarde da última quinta-feira (12), com o secretário de Esportes Marcelo Chehade e da adjunta, Laís Helena, para apresentar um projeto que contará com a participação da ex-jogadora de vôlei da seleção brasileira Ana Moser. Com o objetivo de democratizar o acesso ao esporte nas escolas,

na faixa etária dos 4 aos 17 anos, o projeto desenvolverá diversas modalidades, além de atividades socioeducativas. A expectativa é de que o trabalho tenha início em 2018. Por meio de isenções na Lei de Incentivo Fiscal, a Bridgestone se mostrou interessada em dialogar e procurou o Executivo para apresentar as diretrizes do trabalho. “É o primeiro

passo para a retomada das conversas com empresas da região para serem parceiras do esporte, investindo nas modalidades e atividades que a secretaria vá realizar daqui em diante, retomando o esporte na nossa cidade”, frisou Chehade. Na próxima semana, nova conversa com a empresa definirá os próximos passos do projeto.

Foto: Divulgação


www.jornalhojelivre.com.br

sábado, 14 de janeiro de 2017

esportes 11

contexto

Iluminação põe em risco mando do Ramalhão na Copa do Brasil

O Santo André corre sério risco de perder a única vantagem que tem no duelo contra o Criciúma na primeira fase da Copa do Brasil. Sem iluminação, o Estádio Bruno Daniel não pode receber a partida marcada para o dia 16 de fevereiro, às 19h15. O clube solicitou à CBF a antecipação para as 16h, mas como havia previsão de transmissão pelo Fox Sports e pelo SporTV, a resposta vai depender também das emissoras. Caso não seja possível, o Ramalhão terá de procurar outro local para mandar o confronto. O sistema de iluminação do Bruno Daniel hoje se resume à base onde serão instaladas as torres e a parte da fiação.

O estádio só deve ficar iluminado no fim de fevereiro. Este é o prazo que a empresa contratada pela Prefeitura pediu para colocar os postes, já que o material é feito sob medida para o projeto. “Para agilizar ao máximo o processo, fizemos a contratação das torres por meio de pregão e utilizando verba da iluminação pública, já que nosso orçamento está comprometido. Estamos fazendo o possível, conversando para que a empresa nos entregue o material antes, mas o prazo, infelizmente, é fim de fevereiro”, explicou o prefeito Paulo Serra (PSDB). Dessa forma, o Santo André também

vai mandar suas partidas no Campeonato Paulista à tarde. A tabela desmembrada, que deve ser divulgada nos próximos dias pela FPF (Federação Paulista de Futebol), deve constar partidas no Bruno Daniel sempre às 16h. Depois que a iluminação estiver instalada e funcionando, o clube vai solicitar a confecção de laudo elétrico para que a entidade altere os jogos para o período noturno. “Pedimos na sexta-feira a antecipação da partida contra o Criciúma, pela Copa do Brasil, para as 16h. A Federação Paulista sabe que não temos iluminação e, por isso, vai marcar nossos jogos do Estadual à tarde. Só depois,

Foto: Divulgação

quando tivermos um laudo elétrico com tudo funcionando, podemos solicitar a mudança de horário das partidas”, explicou o diretor de futebol do Santo André, Sérgio do Prado. Alheios todos esses problemas extracampo, os jogadores do Santo André seguem em pré-temporada na cidade de Vargem, localizada na região de Bragança Paulista. O técnico Toninho Cecílio comanda treinamentos em dois períodos para adequar fisicamente os jogadores. O primeiro amistoso do time será sábado, às 15h, contra o Atibaia. A programação ainda prevê mais um teste dia 18, contra o Desportivo Brasil, e dia 21, diante do Taubaté.

Ramalhinho é eliminado da Copinha O Santo André deu adeus à Copa São Paulo de Futebol Júnior. Ontem, em duelo válido pela segunda fase, o Ramalhinho perdeu por 5 a 3 nos pênaltis para o Juventude-RS, após empate por 0 a 0 no tempo regulamentar no Estádio Inamar, em Diadema. Foi o segundo ano seguido em que a equipe caiu nas penalidades – em 2016

deixou a competição na mesma fase, ante o Sampaio Corrêa-MA.

ventude, arriscou de fora da área e Júlio fez boa defesa.

A primeira etapa safio para assistir. qualidade técnica, cou restrita ao

O Ramalhinho teve o lateral-direito Bruno expulso, aos 44. Isso fez a equipe precisar correr o dobro para marcar os gaúchos no segundo tempo. O Juventude acertou a trave aos 25, com Arthur, mas não conseguiu tirar o zero do placar.

foi um deCom pouca a partida fimeio-campo.

O único lance lúcido foi aos 12 minutos, quando Thiago, do Ju-

Nos pênaltis, o andreense Matheus desperdiçou a quarta cobrança – Raul defendeu e, depois, fechou a conta – 5 a 3. “(O time) Poderia ter rendido mais. Foi equilibrado, mas jogar com dez contra uma equipe que sabe atuar, você acaba se desgastando muito”, lamentou o técnico Ari Mantovani.


sábado, 14 de janeiro de 2017

www.jornalhojelivre.com.br

12 são caetano cotidiano

Prefeitura interdita centro cirúrgico por tempo indeterminado

Sete meses após conclusão de revitalização de parte do Hospital Infantil e Maternidade Márcia Braido, no bairro Santa Paula, em São Caetano, a custo de R$ 551 mil, a Prefeitura anuncia a interdição do centro cirúrgico do equipamento de Saúde municipal por tempo indeterminado. Conforme a secretária responsável pela Pasta desde 1º de janeiro, Regina Maura Zetone, o espaço não apresenta condições mínimas necessárias para a realização de procedimentos em pacientes. O fechamento do espaço para a realização de melhorias estruturais foi sacramentado na quarta-feira, após vistoria da administração atual, chefiada por José Auricchio Júnior (PSDB). En-

tre os problemas destacados por Regina Maura estão parte do teto cedendo e infiltrações. “Desde o início da semana tenho realizado vistorias em unidades de Saúde. Quando entrei no centro cirúrgico do Márcia Braido tomei um susto. As salas estavam cheias de equipamentos quebrados, tudo empilhado. Em algumas, o arcondicionado não funcionava e o piso estava quebrado. Até o teto estava destruído no setor de recuperação. Então, quando chovia, não podia ter pacientes”, relatou a secretária. Responsável por atender demanda mensal de 250 pacientes, o centro cirúrgico infantil do Márcio Braido não foi beneficiado pelo primeiro pacote

de obras entregues pelo ex-prefeito Paulo Pinheiro (PMDB) no ano passado. Na ocasião, as intervenções municipais contemplaram somente a ampliação da ala de emergência, dos consultórios e dos leitos de observação, com a criação de duas áreas de isolamento, além da implantação das salas de coleta e de triagem. No entanto, conforme Regina Maura, as condições precárias do centro cirúrgico já eram conhecidas pela antiga administração, tendo em vista a existência de notificações encaminhas pela Vigilância Sanitária à Prefeitura. “Questionei a enfermeira-chefe sobre como eles tinham coragem de atender os pacientes assim, mas ela

Foto: Divulgação

me disse que já estava cansada de reclamar da situação. A própria Vigilância Sanitária informou que havia alertado o Paço sobre os problemas.” A nova gestão optou por transferir temporariamente a realização dos procedimentos cirúrgicos infantis para o Hospital Municipal Euryclides de Jesus Zerbini, no mesmo bairro. “Não temos condições de fazer uma grande reforma, a não ser que venha alguma verba externa. Mas, vamos tentar realizar algumas pequenas intervenções. Pretendemos retomar o serviço no centro cirúrgico e reabrir o terceiro andar (hoje destinado à internação) em 90 dias. Essa é minha meta”, afirmou Regina Maura.


www.jornalhojelivre.com.br

sábado, 14 de janeiro de 2017

MUNDO

13

contexto

Erro em sistema faz Austrália cobrar enormes dívidas por engano

Foto: Divulgação

A Previdência Social da Austrália cobrou, por um erro em seu sistema, enormes dívidas inexistentes de milhares de beneficiários - inclusive indígenas e idosos -, que consequentemente sofreram de ansiedade e inclusive tiveram pensamentos suicidas. Desde julho do ano passado, foram enviadas cerca de 170 mil notificações a cidadãos reivindicando a devolução de benefícios sociais como dívida, calculada através de um algoritmo mal configurado do sistema utilizado pelo Centrelink, órgão encarregado dos pagamentos da Previdência Social. No pior dos casos, as cobranças do Estado superam os US$ 100 mil e afetam principalmente indígenas, idosos, veteranos de guerra, jovens e imigrantes que não falam inglês. Milhares de pessoas se queixaram dos cálculos errôneos, enquanto políticos locais asseguram que o equívoco causa um estresse desnecessário aos afetados. O legislador independente Andrew Wilkie, que pediu à Defensoria Pública a investigação do caso, denunciou na semana passada que muitos dos cidadãos cobra-

dos estavam angustiados e tinham pensamentos suicidas por conta de dívidas que não eram suas. “A cada semana que o governo se recusa a resolver o problema, outras quatro mil pessoas honestas recebem cartas que sugerem equivocadamente que foram desonestas, algo que é injusto e perverso”, declarou Linda Burney, legisladora do opositor Partido Trabalhista. O sistema do Centrelink recolhe informações da Previdência Social com o Escritório Australiano de Impostos e outras agências do governo. Ao detectar alguma divergência, ele gera automaticamente uma carta pedindo explicação ao segurado pela suposta obtenção de benefícios sociais excessivos. Se o notificado não conseguir sustentar sua inocência, a ele é oferecido um plano de pagamento e, caso não aceite o acordo, terá que se acertar com cobradores de dívidas privados. Após a repercussão, o governo reconheceu uma taxa de erro de 20% do sistema, que faz seus cálculos com a média da receita anual de uma pessoa, mas ignora os períodos em que esta não recebeu ne-

nhuma retribuição e assume que os usuários receberam mais dinheiro do que o declarado. Segundo os especialistas, o erro está no algoritmo que analisa as informações. Vários setores do país pediram ao governo para suspender o uso do sistema até que o algoritmo seja reconfigurado. Um dos casos famosos foi o do filho autista de uma defensora dos deficientes físicos, que foi perseguido por um cobrador por “dever” US$ 2.200. Também foi denunciado o caso de Tony Barbar, de 29 anos, de quem o governo cobra US$ 3.300. Em 2010, Barbar pediu para parar de trabalhar devido a um câncer, mas não está com os documentos para comprovar que sofreu da doença e procurou tratamento. As redes sociais foram inundadas por comentários contra o Centrelink com a hashtag #notmydebt (“não é minha dívida”), enquanto a agência governamental sugeriu aos notificados que procure a linha de prevenção de suicídios. “Olá, Steve. Estamos preocupados com seu comentário. Por favor ligue para a ‘Lifeline’ ou a

nossos trabalhadores sociais”, respondeu o Centrelink no Twitter à publicação de um usuário. Alan Tudge, ministro de Serviços Humanos, defendeu nesta semana o sistema ao expressar que “não tem conhecimento de que haja pessoas totalmente convencidas de que não devem dinheiro” entre as que receberam uma notificação. Apesar das críticas, “o sistema trabalha bem e será mantido”, garantiu Tudge. Os cidadãos que receberam cobranças indevidas podem recorrer através da internet em processo no qual devem sustentar seus argumentos com documentos que comprovem suas receitas. No entanto vários serviços de auxílio legal consideram que a apelação não é tão fácil, especialmente para as pessoas com deficiência ou cuja língua nativa não é o inglês. O governo australiano, que procura sanear seu orçamento nacional, assegura que desde julho de 2016 recuperou US$ 220 milhões, que são parte dos mais de US$ 2,9 bilhões do montante devido por cobranças equivocadas referentes ao seguro social.


sábado, 14 de janeiro de 2017

www.jornalhojelivre.com.br

14 economia seu bolso

Temer projeta queda ‘pouco a pouco’ da taxa Selic ao patamar de um dígito Foto: Divulgação

O presidente Michel Temer afirmou na última quinta-feira (12) que, “pouco a pouco”, a taxa básica de juros da economia, a Selic, vai “sair dos dois dígitos para um dígito só”. Temer, porém, não deu prazo para que isso ocorra. Na última quarta-feira (11), o Comitê de Política Monetária (Copom) do Banco Central surpreendeu o mercado e anunciou redução da Selic em 0,75 ponto porcentual, para 13% ao ano. “Uma coisa que perturba a vida industrial e o setor de serviços é a questão dos juros. Juros muito altos desestimulam quem quer investir (na produção). Neste breve período (no governo), primeiro foi 0,50 (ponto percentual de redução na Selic), ontem (quarta) foi 0,75”, disse Temer.

“Sem que eu queira dar palpite na área financeira, nós vamos nessa toada, digamos assim, pouco a pouco sair dos dois dígitos para um dígito só, em matéria de juros na economia brasileira”, prosseguiu. O presidente esteve em Praia Grande, na Baixada Santista, para a inauguração de uma escola municipal batizada com o nome de um de seus irmãos, Fued Temer, morto em 1995. Em entrevista coletiva concedida ao final do evento, Temer foi questionado sobre a redução da taxa básica de juros e respondeu que se trata de projeção. “Há uma projeção – nada certo, evidentemente – no sentido de que os juros caiam paulatinamente, porém, responsavelmente. Is­so já teve reper-

cussão no mercado financeiro. Os bancos já começaram também a re­duzir as suas taxas de juros”, disse o presidente. Medidas Durante o discurso, o peemedebista buscou destacar medidas adotadas por seu governo que considera positivas para a recuperação econômica do país. “Precisamos injetar recurso na economia brasileira. Há pouco tempo tivemos uma ideia, fruto dos diálogos do nosso governo, que nos permitiu liberar todas as contas inativas do FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço). Essa decisão representa mais ou menos R$ 30 bilhões – que, a partir de fevereiro, começarão a ser sacados. Vamos esclarecer isso até em pro-

paganda pela televisão”, afirmou. Ainda segundo o presidente, medidas de seu governo levaram à redução dos juros do crédito rotativo do cartão de crédito. “O crédito rotativo tinha juros de 480%. Eu chamei o dirigente da área econômica e falei ‘Assim não dá, não. Não vamos tolerar isso’. Conversamos e ajustamos, porque nada neste governo é feito de cima para baixo, e conseguimos que os juros viessem a menos da metade, portanto a 180% mais ou menos”, afirmou. Um grupo de cerca de 50 pessoas protestou em frente à escola em que a cerimônia foi realizada com cartazes de “Fora, Temer” e contra a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) do teto de gastos, já aprovada no Congresso.


www.jornalhojelivre.com.br

sábado, 14 de janeiro de 2017

economia 15

contexto

Feira do Empreendedor projeta R$ 20 milhões em negócios

social Coop repassa R$ 172 mil para Federação das APAES de São Paulo Foto: Divulgação

A Federação das Associações de Pais e Amigos dos Excepcionais do Estado de São Paulo (APAEs) acaba de receber da Coop – Cooperativa de Consumo o valor de R$ 172.132,55. Esse valor refere-se ao repasse apurado durante o quarto trimestre (outubro a dezembro) de 2016 de dois programas sociais mantidos pela Cooperativa –Troco do Bem e Revista Coop . Desse valor total, R$ 64.214,23 resultaram da comercialização de 67.777 exemplares da Revista da Coop (descontados os impostos), enquanto R$ 107.918,32 são provenientes do programa Troco do Bem. “Estes repasses somente são possíveis graças ao engajamento dos cooperados que colaboram assiduamente com os programas sociais da Coop. Para se ter ideia, desde o início da parceria entre com a Federação das APAEs, em 2010, já foram repassados R$ 1.742.811,00”, explica Luciana Benteo, responsável pelo Núcleo Socioambiental da Cooperativa. Ao receber o valor do repasse, a Federação o distribui entre suas instituições localizadas nas cidades onde a Coop atua. Hoje, o Estado de São Paulo reúne 305 unidades da APAE, que juntas atendem 75 mil pessoas com deficiência.

A Feira do Empreendedor, do Sebrae-SP, ocorre de 18 a 21 de fevereiro no Anhembi, em São Paulo. A previsão é que 150 mil pessoas passem pela Feira nos quatro dias e sejam fechados R$ 20 milhões em negócios, aumento de 30% em relação ao ano passado, que gerou R$ 15,5 milhões e 130 mil pessoas. O evento será realizado em uma área de 40 mil metros quadrados e um

centro comercial com 424 estandes de expositores (20% mais do que em 2016) outros 22 de patrocinadores. A novidade para este ano é que pela primeira vez o evento será temático: o público vai encontrar a “Cidade Empreendedora”, onde estarão reproduzidos diversos tipos de negócios, existentes em qualquer cidade, montados da maneira ideal. Com esse formato, quem empreende ou

pretende empreender terá uma experiência ainda mais rica para incorporar ao seu dia a dia profissional e aumentar as chances de sucesso. Os visitantes também poderão participar de palestras e consultorias abrangendo temas como marketing, finanças, tendências, inovação, exportação, etc. A Feira é uma oportunidade de negócios, conhecimento e informação para o empreendedor.

Sobre a Coop: Atualmente, a Coop é considerada a maior Cooperativa de Consumo da América Latina e está em 7º lugar no ranking dos maiores supermercados no Estado de São Paulo. Possui 1,7 milhão de cooperados, sendo 738 mil ativos, mais de 5,9 mil colaboradores diretos, 29 unidades de distribuição – 21 no Grande ABC, uma em Piracicaba, três em São José dos Campos, duas em Sorocaba e duas em Tatuí –, além de três postos de combustíveis e 11 drogarias de rua.


sábado, 14 de janeiro de 2017

16

www.jornalhojelivre.com.br

tecno

Informe publicitário

Dona do Google encerra projeto que usava drones para levar internet Foto: Divulgação

A Alphabet, empresa dona do Google, afirmou que desistiu de trabalhar em um projeto de conexão à internet de áreas distantes usando aeronaves remotamente controladas, os drones. A afirmação foi feita na quarta-feira (11) à agência de notícias France Presse. O projeto, iniciado após a compra da Titan Aerospace, consistia em usar drones para transmitir sinal de internet via laser. Ele fazia parte do Google X, uma divisão da empresa que trabalha na criação de novas tecnologias. “O time do Titan foi trazido para o X no fim de 2015”, afirmou um porta-voz da Alphabet à AFP. “Encerramos nossa explosão de drones de alta altitude para acesso à internet pouco depois.” A equipe que trabalhava com dro-

nes, segundo esse executivo, foi realocada. Parte dela passou a trabalhar no Wing, outro projeto do Google para levar internet a lugares remotos pelos ares. Só que, em vez de drones, a conexão é transmitida com balões. Outra parte dos ex-funcionários do Titan passaram a trabalhar no Projeto Wing, de entrega de produtos com drones. O fim do Titan ocorreu pouco depois da criança da própria Alphabet. Em agosto de 2015, o Google anunciou a criação da empresa-mãe, a maior reformulação em sua história. Com isso, cada uma de suas áreas de negócio passou a ser uma subsidiária da Alphabet. Sob a empresa guarda-chuva estão, por exemplo, o próprio Google e o Google X.

Israel acusa Hamas de usar fotos de mulheres para ‘seduzir’ e hackear celulares de seus soldados

Foto: Divulgação

Autoridades militares israelenses afirmaram ter descoberto um golpe de militantes do Hamas para invadir telefones celulares de soldados de Israel. Eles adotariam identidades de mulheres para fazer amizade e depois levar os militares a baixarem, sem saber, um aplicativo espião. Dezenas de soldados foram convencidos a instalar o aplicativo, que controlava as câmeras e microfones do telefone. Segundo um porta-voz das forças de defesa de Israel, o Hamas não conseguiu ter acesso a segredos de maior importância. Ele disse ainda que a maioria dos militares enganados era de baixas patentes. Os hackers estariam interessados em obter informações sobre manobras militares, forças e armamentos israelenses na Faixa de Gaza. Autoridades israelenses também disseram que as fotos usadas no esquema eram de mulheres reais. As imagens foram retiradas sem autorização dos perfis delas em mídias sociais.ligam os ataques aos norte-coreanos, que receberam sanções dos EUA pela ação. O porta-voz israelense, que não

teve o nome revelado, apresentou à imprensa algumas das fotos usadas e mensagens dos hackers “flertando” com os soldados. “Um segundo. Vou te enviar uma foto, meu querido”, escreveu um hacker em uma das trocas de mensagens. “OK. Ha-ha”, respondeu um soldado logo antes de receber a foto de uma mulher loira. O hacker então sugeriu que ambos baixassem “um aplicativo simples que nos permitirá ter uma conversa por vídeo”. Quando a vítima baixava o aplicativo, na realidade dava ao hacker o controle de seu smartphone. As autoridades militares israelenses descobriram a fraude após receberem informações de soldados de que mulheres suspeitas estavam fazendo com que eles instalassem um aplicativo e, em seguida, desaparecendo. “Isso tinha um grande potencial de causar danos”, disse o porta-voz israelense à Associated Press. “Até agora, o dano foi mínimo. Mas queremos impedir que volte a acontecer.” Até a conclusão desta reportagem, o Hamas não havia comentado as acusações.

Edição 2447 14/01/17  

Jornal Hoje Livre

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you