Page 1

8 ANOS E-mail: folharegionalgv@bol.com.br / folharegionalgv@uol.com.br

Número: 133 - Julho/2008 - Governador Valadares - Minas Gerais - R$ 1,20

ARACRUZ EM VALADARES

Aécio frustra aliados do prefeito Mourão Governador reconhece que vários políticos trabalharam para a vinda da empresa e não credencia esta ação apenas ao prefeito

Q

uem achou que o governador Aécio Neves ia chegar em Valadares e credenciar apenas ao prefeito

Bonifácio Mourão (PSDB) a vinda da Aracruz enganou-se. Ele elogiou a deputada estadual Elisa Costa (PT), o deputado

Jayro Lessa: realiza intensa divulgação em Governador Valadares

Jayro Lessa (DEM) e outras lideranças por se empenharem e unirem em prol deste benefício. O governador, quando assinou o

protocolo, levantou eufórico, sozinho, o documento para a platéia. Com o sonho de chegar a presidência da República com o

Mourão teve que dividir com adversários políticos os louros da futura instalação da empresa

apoio do Partido dos Trabalhadores, Aécio Neves parece não estar disposto a aderir ativamente na campanha de Valadares.

Ele tem Mourão como aliado, mas também tem Elisa Costa como futura parceira. PÁGINA3

Operação João de Barro: Polícia Federal, a qualquer momento, pode retornar à região para prender prefeitos Juiz Renato Zouain recebe homenagem

O

juiz Renato Zouain Zupo receberá no próximo dia 25, sexta-feira, a Medalha Desembargador Hélio Costa, na comarca de São João Evangelista. Atualmente exercendo duas funções na comarca de Araxá, o juiz é reconhecido pelo trabalho promissor realizado em São João Evangelista, Coluna e Sabinópolis, onde atuou. Rígido e polêmico, Renato Zouain que sempre se ateve à Lei para tomar as suas decisões, implantava e apoiava projetos de interesse destas comunidades. PÁGINA 3

Bombeiros são homenageados na Câmara de Vereadores

O

Corpo de Bombeiros recebeu homenagens na Câmara de Vereadores de Governador Valadares. O trabalho desenvolvido na cidade de prevenção e salvando vidas foi destacado pelos vereadores como de grande importância e de reconhecimento da comunidade. A autoria foi do vereador e vice-presidente da Câmara Cabo Isá. PÁGINA 10

PÁGINA 9

Elisa Costa mobilizou lideranças em prol da vinda da Aracruz

Nesta Edição: Entrevista com a vice

A

primeira entrevista é com a vice do candidato Renato Fraga candidato à prefeitura de Governador Valadares, Ângela Fassarella.

PÁGINA 9


JULHO/2008

RODA VIVA SÃO GERALDO DA PIEDADE A diretora de escola Flávia de Oliveira e Silva tem uma grande chance de dar outra “sova” de votos no atual prefeito e candidato à reeleição Antônio José Rabelo. Além de unir forças progressistas, Flávia é querida pelo trabalho no setor educacional. FREI INOCÊNCIO A cassação do vereador Zezé do Prata teve grande repercussão no município. Muitos estão indignados com notícias tão tristes envolvendo políticos da cidade. Ele foi cassado por 6 votos a 0 no Tribunal Regional Eleitoral por infidelidade partidária. Zezé saiu do DEM e mudou-se para o PMDB fora do prazo determinado pela Justiça Eleitoral. Acabou sendo mais um que perdeu o cargo. RENATO E ÂNGELA Com uma vice famosa (filha do ex-prefeito João Domingos Fassarella), Renato Fraga é outro que acredita na vitória. Para isso tem visitado os bairros e conversado com os moradores, apresentado propostas para administrar o município. Ele comentou que a receptividade dos valadarenses é muito boa. O PMDB, com seus coligados

EDITORIAL

Aracruz: Não falta é “pai” desta obra A

Secretário de Governo de Minas Gerais Danilo de Castro e o prefeito de São João Evangelista Pedro Queiroz

tem pouco mais de 9 minutos de programação em rádio e TV. Muito tempo para o candidato convencer o eleitorado local que é o melhor para a cidade. NOVOS SAPATOS Pelo andar da carruagem os candidatos devem comprar novos sapatos em breve. Terão que andar muito para mostrar que está perto do povo. ARACRUZ O auditório do 5º da Prefeitura Municipal de Governador Valadares estava lotado para o governador Aécio Neves anunciar a vinda do complexo da Aracruz para o município. Pelo menos dois personagens que estavam na primeira fileira

PÁGINA 2

não deviam ser do agrado do prefeito Mourão e seus assessores: a deputada estadual Elisa Costa e o deputado estadual Jayro Lessa. DEPUTADA A deputada estadual Elisa Costa é a principal ameaça contra o prefeito Mourão na atual disputa eleitoral pela prefeitura da cidade. Como ela foi uma das principais lideranças a trabalhar em prol da concretização da vinda da Aracruz para o município, não perdeu tempo. Sentouse na primeira fileira e foi elogiada pelo governador Aécio Neves e pelo presidente da Aracruz Carlos Augusto Lira Aguiar.

NOTA 10

NOTA 0

Para a postura dos assessores e amigos do prefeito Mourão que receberam muito bem os opositores do prefeito durante a solenidade para a vinda de um complexo da Aracruz para Valadares. Entre outros podiam-se ver no local a deputada Elisa Costa, o deputado Jayro Lessa, o candidato do PMDB Renato Fraga Valentim, sua vice, Ângela Fassarella,entre outros.

Para o excesso na organização por parte da Assessoria do governador Aécio Neves em Valadares. É até uma falta de respeito proibir a presença de cidadãos na prefeitura em outros setores por causa da presença de Aécio Neves. E olha que sua vinda não gerou nenhuma comoção pública, seja a favor ou contra. Muito alarde, sem necessidade.

notícia dada pelo governador Aécio Neves e diretores da Aracruz da construção de um anexo da empresa em Governador Valadares foi recebida com alegria por lideranças políticas, comunitárias e empresariais. Sem indústrias e sem os dólares dos Estados Unidos a cidade vive em um marasmo econômico sem precedentes. O valadarense não estava acreditando em alternativas que pudessem melhorar a situação econômica do município. A partir de 2015 a empresa, segundo informou sua diretoria, inicia suas atividades em Valadares, com a expectativa de criação de no mínimo 40 mil empregos diretos. Esta notícia enche os olhos dos políticos de Governador Valadares. Todos querem ser os responsáveis pela vinda da empresa. Já começou a temporada de quem consegue ser o “pai” desta importante obra para o município. O governador Aécio Neves, pensando no futuro, que supera qualquer briga de “paróquia”, tratou logo de ser diplomata. Elogiou a força de todas as lideranças políticas de Valadares que se unirem em prol desse benéfico. Nenhum político, seja o prefeito ou deputados da cidade foi citado como o principal responsável pela vinda da Aracruz. Isto não impede que todos os políticos tentam tirar proveito da situação, principalmente com esse período eleitoral. Mas é bom a população ter a consciência de que vai demorar no mínimo 7 anos para o funcionamento do complexo da Aracruz. Que a cidade se prepare para essa nova fase de desenvolvimento. E muito mais importante do que saber quem é o “pai” da obra, é a garantia de que Governador Valadares poderá viver novos rumos com uma grande empresa, da importância da cidade no cenário nacional.

EM DIA COM A JUSTIÇA Renato Zouain Zupo - renatozupo@terra.com.br

Ainda a Embriaguez ao Volante Sou obrigado aqui a retornar ao assunto da coluna passada, tamanha a repercussão, não da humilde coluna, mais do assunto, e dos inúmeros questionamentos que vêm sendo feitos por diversas classes sociais, sem contar o silêncio obsequioso da classe política que não quer se arriscar em ano eleitoral e até ver para que bandas caminhará seu eleitorado e a opinião pública. Falo, é óbvio, da nova legislação de trânsito, que deu contornos mais rígidos ao antigo art. 306 do Código de Trânsito Brasileiro, o CTB. Falei contornos mais rígidos? Põe rígido nisso! A mudança pragmática torna o Brasil um dos países mais duros do mundo com o criminoso ao volante. Ou seja, como sempre, têm-se uma lei repleta de boas intenções, que veio para “salvar” o povo, mas que não se coaduna, não combina com este país malemolente e cheio de jeitinhos, este país da Lei de Gérson, e então duas coisas ocorrem: a) a lei não pega, não tem eficácia alguma; e b) não resolve o problema e passa a ser desacreditada, caindo no desuso, não sem antes gerar cabelos brancos nos denominados operadores do Direito: órgãos repressores e juristas. Foi assim com a Lei de Crimes Hediondos, surgida em 1.990, diante do recrudescimento do crime organizado, vindo para acabar com a criminalidade, e deu no que deu: comparado com os dias de hoje, 1.990 era uma Suíça. Foi assim com o Estatuto do Desarmamento: tanto quiseram abolir armas e armados no país que depois tentaram “encaixar” no proletariado um plebiscito que fez água, e os crimes a mão armada só aumentaram de lá pra cá. Tem também o Estatuto do Idoso, que dentre outras coisas obriga empresas de transporte coletivo a dar passagem gratuita para cidadãos de terceira idade: e lá foram os pobres velhinhos exigir seus Direitos em guichês de rodoviária pelo país afora, dando com os costados na impunidade que não acaba somente porque mudam as leis. Será assim com a já chamada “Lei Seca”? Acredito que sim. Considero-a equivocada porque coloca em uma mesma vala comum casos e pessoas totalmente diferentes, aplicandolhes a mesma lei obtusa, questionadíssima do ponto de vista técnico, como aqui já foi dito. Trata da mesma maneira o playboy embriagado voltando da boate a toda velocidade e o cidadão comum que volta tranquilamente do campo de futebol depois de meia dúzia de cervejas. Meu Deus, o legislador não vê que deve haver uma mínima gradação entre um e outro caso? Democracia, amigo leitor, não é tratar a todos igualmente, mas sim tratar igualmente os iguais e desigualmente os desiguais. Imagine-se o caso do padre que acabou de rezar a missa onde bebeu o bom vinho da comunhão, pega seu carro e é parado numa blitz, vai pra cadeia também, toma multa também, mesmo não estando embriagado. O Brasil e o mundo, desde tempos imemoriais, são regados a álcool. Veja-se a Bíblia: de seus meandros e versículos respinga vinho, o mesmo vinho do padre do exemplo acima, exemplo que não é meu, mas do meu bom amigo e decano da advocacia araxaense, Dr. Edson Porfírio. O álcool é cultural, e não vai acabar por conta de meia dúzia de legisladores abstêmios, outra dúzia de congressistas evangélicos, e um Presidente que quer acabar com sua fama de bebum. Os Estados Unidos quiseram construir um país puritano durante a sua Lei Seca, que durou pela década de 1.930 e teve como principal efeito fortalecer a máfia siciliana em Nova York e em Chicago, que contrabandeavam álcool nas barbas das autoridades. Isto porque as pessoas simplesmente não param de beber, e também não param de dirigir neste mundo que não para, imediatista, em que o luxo e o conforto do carro bonito e novo valem mais como sonho de consumo do que a casa própria. Não se está aqui defendendo o ébrio ao volante. È um criminoso e merece cadeia, desde que (e isto é importante) represente um efetivo perigo para a segurança, a incolumidade, de outras pessoas e dele próprio. O trânsito mata muitíssimo no Brasil, mais do que muitas guerras, e os poderes constituídos do país deveriam ter a muito tempo tomado alguma providência contra a impunidade no trânsito, este sim um grande mal que já vitimou milhares de famílias de inocentes. Mas punir outros inocentes não terá o condão de trazer de volta ao mundo dos vivos as vítimas de acidente de trânsito, e nem tampouco impedir que os acidentes e a impunidade continuem ocorrendo, simplesmente porque o álcool não é a causa mais freqüente de acidentes de trânsito. A imprudência continua sendo a grande campeã do morticínio em nossas ruas e estradas, o excesso de velocidade, as condições das rodovias, todas circunstâncias objetivas que ganham de “lavada” do famigerado álcool que está sendo demonizado por uns e outros mal informados ou mal intencionados. O raciocínio daqueles que aplaudem a “nossa” Lei Seca é perigoso: o álcool ao volante mata, acabemos com o álcool ao volante. É um raciocínio simplista, maniqueísta, rasteiro, deletério. Foi o mesmo raciocínio utilizado no já mencionado plebiscito do desarmamento: se arma mata, acabemos com as armas. Na época, o brasileiro foi evoluído o suficiente para abandonar o passionalismo e abraçar a razão. Se, desta feita, vingar o puritanismo e o pragmatismo da “Lei Seca”, mais uma vez serão suprimidos direitos primários, essenciais, do indivíduo, em proveito de um bem comum que também não será alcançado. Ou seja, os ovos serão quebrados, sem que se faça o esperado omelete. Os fins justificam os meios, os remédios amargos são necessários para a cura das moléstias graves, etc... Mas, por mais esta vez, os meios não serão alcançados e as moléstias não serão curadas, inobstante o enorme sacrifício que a lei nova já está impondo ao já bastante sofrido povo brasileiro. Renato Zouain Zupo, Juiz de Direito em Araxá-MG

Governador Valadares - MG Edição: Nº 133 - Julho de 2008 Periodicidade: Quinzenal Rua: Artur Bernardes, 1234 - Centro Cep: 35010-020 Telefones: (33) 3212-3776 / 9961-2508 - Diagramação: Rafael Barbosa Editor: Elias Silva Projeto: A.G.E Assessoria & Jornalismo Colaboradores: Renato Zouain Zupo (Na Coluna Em Dia Com a Justiça) Jorjão (Coluna Ponto de Vista) Site:www.jornalfolharegional.com.br E-mail: folharegionalgv@bol.com.br - folharegionalgv@uol.com.br


JULHO/2008

PÁGINA 3

Aracruz em Valadares

Governador Aécio Neves não creditou obra a nenhum político em especial Para ele a união de lideranças de Valadares foi importante neste novo cenário na cidade

Governador Aécio Neves oficializou a vinda da Aracruz Celulose para Governador Valadares, diplomático elogiou todos os políticos presentes no encontro

O

anúncio da vida do complexo da Aracruz em Governador Valadares foi bem recebida por todas as lideranças do município. No auditório da prefeitura, lideranças políticas, empresariais e eclesiásticas aplaudiram o governador Aécio Neves, secretários e diretores da Aracruz Celulose com entusiasmo. Mas enganou-se quem acreditava que o governador Aécio Neves iria levantar o documento de assinatura do protocolo de intenções com as mãos de outro político. Ele mesmo tomou para si a responsabilidade desta vinda. Diplomático, elogiou lideranças que se uniram com esse propósito. No seu discurso, Aécio explicou o trabalho desenvolvido pela sua assessoria com

a da diretoria da Aracruz para chegarem em um denominador comum para que Valadares fosse oficializada como mais uma cidade a receber o complexo da Aracruz. Aécio citou o deputado Jayro Lessa, a deputada Elisa Costa e o prefeito Bonifácio Mourão como responsáveis por esse processo. O vice-presidente do PMDB, e candidato do partido à prefeitura, Renato Fraga Valentim, afirmou que ele também se uniu às outras lideranças com este intuito. Ele, com ajuda do deputado federal Leonardo Quintão conseguiu marcar audiência com o vice-presidente José Alencar para tratar esse assunto. “O vicepresidente conversou com diretores da Aracruz, pedindo empenho para esta vin-

da”. DESENVOLVIMENTO Depois de décadas de espera para sair do marasmo econômico-industrial, Governador Valadares receberá um grande benefício com a confirmação da construção de um complexo industrial da Aracruz Celulose. O governador de Minas, Aécio Neves e o presidente da Aracruz Carlos Augusto Lira Aguiar foram algumas das autoridades presentes ao evento, realizado na manhã de hoje, no auditório da Prefeitura Municipal. A previsão de início do funcionamento da fábrica é em 2015. O valadarense conviveu com a possibilidade da vinda da Aracruz em Governador Valadares desde o início do ano, quando acompanhava a mobilização de políticos e lideran-

ças empresariais na tentativa de convencer o governo estadual, federal e direção da empresa a optar pelo município. No dia 13 de junho, durante visita ao município Aécio Neves garantiu, que em um prazo máximo de quarenta dias, voltaria para anunciar a oficialização de Valadares como sede desse novo complexo industrial. A notícia se confirmou. O governador assinou o protocolo de intenções junto com a presidência da Aracruz e elogiou a união das lideranças locais em prol dessa vinda. O presidente da Aracruz Carlos Augusto Lira Aguiar informou que não apenas Governador Valadares, mas cidades de vários estados do Brasil e de outros países disputavam essa indicação. Ele contou que a equipe do Governador Aécio Neves não mediu esforços

junto à empresa para garantir essa instalação no município. “Primeiro nós vamos onde somos convidados e o governador foi muito simpático no seu convite para instalarmos em Governador Valadares”, comentou o presidente da Aracruz. Ele informa que a partir de agora inicia o processo de implantação como audiência pública para discutir impacto ambiental e preparação de funcionários. A previsão é de que serão contratados cerca de 10 mil funcionários para a construção. Depois de concluída a construção a Aracuz e outras empresas devem gerar 40 mil empregos diretos. PERFIL A Aracruz produz celulose braqueada de eucalipto, destinada à fabricação de pa-

péis de imprimir e escrever, papéis sanitários e papéis especiais de alto valor agregado. A empresa é controlada pelos grupos Safra, Lorentzen e Votorantim (28% do capital votante cada) e pelo BNDES (12,5%). As ações florestais da empresa alcançam os estados do Espírito Santo, Bahia, Minas Gerais e Rio Grande do Sul, com mais de 286 mil hectares de plantios renováveis de eucalipto, intercalados com cerca de 170 mil hectares de reservas naturais, fundamentais para assegurar o equilíbrio do ecossistema. A empresa estimula o plantio de eucalipto por terceiros através do Programa Produtor Florestal, que abrange aproximadamente 96 mil hectares contratados com mais de 3,9 mil produtores rurais em vários estados.

SÃO JOÃO EVANGELISTA

Juiz Renato Zouain recebe Medalha Desembargador Hélio Costa A

Comarca de São João Evangelista recebe, no dia 25, a partir das 19 horas, o juiz Renato Zouain Zupo para a entrega da medalha “Desembargador Hélio Costa”. A solenidade, que será presidida pelo juiz Enismar Kelley de Souza e Freitas, acontecerá no auditório do Fórum local. Esta medalha foi criada em 1995 pelo Tribunal de Justiça de Minas Gerais e tem como objetivo agraciar pessoas que prestam relevantes serviços ao Poder Judiciário. O O desembargador Hélio Costa foi presidente do Tribunal de Justiça de Minas Gerais e atualmente é o superintendente da Memória do Judiciário Mineiro. Renato Zouain Zupo exerceu o cargo de Juiz de Direito nesta comarca de São João Evangelista no período de 29/ 05/2000 a 25/02/2005. Casou-se nesta cidade. Sua esposa é natural de Coluna e se chama Ana Paula Amador Zupo. Tem um filho que se chama Theo, hoje com 5 anos

de idade. Recebeu o título de cidadão honorário de São João Evangelista por sua personalidade jurídica. Durante esse período o magistrado exerceu com afinco suas atribuições. Foram quase cinco anos de boa convivência, de companheirismo, amizade, respeito e muito trabalho. Foi intensamente operante e trabalhador, isto sem desmerecer o trabalho dos antecessores. Presteza e agilidade são suas qualidades principais como juiz, possuindo uma enorme facilidade de decidir e de proferir sentenças orais em audiências. Possui grande cultura, tanto na área jurídica quanto nos conhecimentos gerais. Segundo nos contou, quando criança, seu pai lhe castigava obrigando-o a ler livros. Lia um pouco de tudo. Por isso, demonstra grande domínio com a nossa língua portuguesa. Possui um excelente vocabulário e dono de uma oratória invejável. Seu trato com as partes, advogados e servidores foi pau-

tado com muito respeito, consideração, educação e cortesia. Dispensou atenção especial aos servidores. Pode-se dizer que o Renato Zouain é um juiz do povo. Essa é uma característica inerente a sua personalidade, do seu modo de ser. Possui o dom de fazer amizades. Não se contentava em ficar em seu gabinete despachando e sentenciando. Às vezes fazia averiguações “in loco”, principalmente em épocas de eleições. Demonstrou-se solícito, compromissado e empenhado com a formação do jovem, com a família e com os problemas sociais em geral. Ministrava palestras em escolas e falava aos jovens sobre os perigos, dos problemas e da vantagem em ser jovem. Editou a Portaria nº 07/ 2001, através da qual criou o programa Juventude Evangelistana, que visava a reeducação do adolescente e jovem adulto, igualmente dando amparo a crianças em situação de risco e em situação emergencial. En-

tretanto, por desinteresse ou comodismo da sociedade, o projeto não vingou. Organizou e Incrementou o serviço do Comissariado Voluntário de Justiça. Editou várias Portarias orientando sobre a proibição da venda de bebidas alcoólicas a menores, regulamentando a entrada de menores em eventos e festas. Ministrou treinamentos e instruções ao corpo de comissários, orientando-os sobre a maneira correta de agir. Realizava audiências móveis. Tal projeto consistia no deslocamento do juiz, promotor e do advogado até a cidade de Coluna para realizar audiências cujas partes residiam naquele município. O objetivo era aproximar a Justiça dos jurisdicionados. O evento foi bem recepcionado pela população colunense e obteve enormes resultados atingindo seus objetivos. Enfim, a atuação do juiz foi marcante em São João Evangelista. Popular, às vezes polêmico, trabalhador, amigo,

festivo, ainda é muito falado e lembrado pelos jurisdicionados. CURRÍCULO VITAE RENATO ZOUAIN ZUPO Filho de Renato Zupo “in memorian” e Ivone Zouain Zupo, o Juiz de Direito Renato Zouain Zupo nasceu aos 21 de agosto de 1969, na cidade de BH. Fez seus estudos primários e secundários no Colégio Promove, onde, em seguida cursou a Faculdade de Direito graduando-se pela PUC/MG. Pós-graduado em direito processual pela UNAMA/IELF. Foi militar da reserva (1ª categoria) do Exército Brasileiro. Advogou entre os anos de 1993 a 1998, por toda Minas Gerais, inclusive sendo procurador dos municípios de Santa Maria de Itabira e Santana do Riacho de Minas Gerais. Em 1998 ingressou na magistratura, sendo nomeado, por concurso, Juiz de Direito. Foi juiz nas comarcas de Perdizes, Araguari, Patos de Minas, São João Evangelista, Sabinópolis e Guanhães. Atualmente é titular da Vara Criminal, Execuções Penais e Infân-

Renato Zouain Zupo

cia de Juventude da Comarca de Araxá. Exerce atividade de magistério na Uniaraxá - Universidade de Araxá, onde vários trabalhos, de sua autoria, foram publicados na revista de direito da universidade, inclusive no jornal Estado de Minas. Falando em publicidade, o homenageado é articulista dos seguintes periódicos: Folha Regional de Governador Valadares, Jornal de Araxá Ponto Com e Jornal Correio de Araxá.


JULHO/2008

PÁGINA 4

PONTO DE VISTA

Santa Efigênia de Minas

Mesma logomarca da revista do prefeito é o nome da sua coligação

Pau que nasce torto morre torto?

A

Justiça Eleitoral está sendo rígida com os políticos que tentam burlar a lei e fazer propaganda extemporânea (fora do prazo estabelecido pela Legislação) No caso de Santa Efigênia um fato inusitado. O prefeito Rildo Carvalho mandou fazer uma revista para divulgar as obras do seu governo, tendo a prefeitura a responsabilidade do débito desta impressão. Na capa a logomarca, União, Compreensão, Humildade e Trabalho. Com a inscrição da sua chapa, o mesmo nome que já tinha sido estampado na revista e distribuída na cidade e zona rural. O eleitorado de Santa Efigênia de Minas vai decidir no dia 5 de outubro o nome do prefeito que irá administrar a cidade nos próximos quatro anos. Todos esperam uma campanha limpa e honesta, com os dois candidatos obedecendo as regras do jogo. Mas o prefeito Rildo Carvalho deu um péssimo exemplo de como utilizar dinheiro público para campanha, buscando assim enganar a Justiça e o eleitor. REVISTA Faltando poucos dias para registrar a sua chapa o prefeito mandou distribuir uma revista com todas as

Jorge Luiz Santos (Jorjão)

Prefeito Rildo pode ser punido pela Justiça Eleitoral

obras do seu governo. Na sua revista foi estampada em destaque o nome da sua futura coligação, o que é proibido por Lei. Ao utilizar este método o prefeito, além de infringir as regra do jogo leva vantagem com relação ao seu opositor Beto, pois ele tem a chave do cofre e pode utilizar de maneira imoral ou ilegal. Moradores da cidade questionaram a atitude do prefeito em aproveitar a revista com a logomarca parar registrar a sua chapa com o mesmo nome que já está

No detalhe capa da revista : gasto com dinheiro do povo com a logomarca do prefeito

na cabeça do cidadão.

enganar a Lei.

MINISTÉRIO PÚBLICO O Ministério Público da Comarca de Virginópolis é o responsável por vigiar os atos dos candidatos, processando quem burla a lei para tirar proveito próprio das campanhas eleitorais. Se a Justiça entender que o prefeito burlou a lei na confecção e distribuição das revistas ele terá que pagar multa de R$ 21.500,00, podendo até ter a candidatura impugnada caso insista em

DIFICULDADE Na cidade, moradores comentam que, ao tomar esta atitude, o prefeito está reconhecendo que a crítica ao seu governo aumentou, principalmente por causa das obras prometidas não realizadas durante a sua administração. Fixando o nome da coligação antes da campanha na cabeça do eleitor, utilizando para isso um meio de comunicação paga pelos cofres da prefeitura pode ter o ob-

jetivo de ajudar na sua campanha. Outra dificuldade do prefeito é com relação a área de saúde, afetando com isso os moradores dos distritos. Um Posto de Saúde do distrito Geraldo Pinto não funciona há mais de um ano por determinação do prefeito que prometeu reformas e investimentos no local. Moradores que precisam utilizar o posto são obrigados a comparecer na cidade, sofrendo com transporte e distância.

SÃO GERALDO DA PIEDADE

Uma diretora pode administrar o município Educada, administradora e competente diretora Flávia entra na sua primeira disputa política partidária

D

urante dois mandatos na Escola Estadual Sebastião Gualberto a diretora Flávia de Oliveira e Silva deu exemplo de como conciliar educação com boa administração. Professores, alunos e familiares aplaudiram o trabalho desenvolvido na área educacional. Ela acabou sendo convidada para aplicar esta experiência na prefeitura. A diretora aceitou desafio e é a atual candidata a prefeitura pela Coligação São Geraldo mais humana para todos, que reúne os maiores e mais importantes partidos do município. Este não será o primeiro confronto entre a diretora Flávia e o prefeito Antônio José. Na sua primeira campanha para diretora da escola, ela apresentou propostas de mudanças na escola aos pais, alunos e professores. Antônio José, que ainda não era prefeito, resolveu interferir e apoiar outra candidata. Ele não foi bem sucedido, pois Flávia foi eleita. REELEIÇÃO Na disputa da reeleição para diretora da Escola, Flá-

via teve o dissabor de, mais uma vez enfrentar Antônio José, desta vez, prefeito. Todo o município acompanhou o esforço do prefeito para eleger sua candidata e impor uma derrota à Flávia. Para isso visitou casas, contou com ajuda de funcionários da prefeitura, mandou cartas. Não satisfeito o prefeito considerou a campanha como se fosse a de uma prefeitura. Mandou instalar um palanque no centro da cidade para fazer comício em prol da sua candidata, criticando duramente a então diretora. INVESTIMENTO Contra os seus argumentos argumentos estavam as obras e investimentos realizados pela diretora Flávia. Sem contar com apoio da prefeitura, ela deu exemplo de como administrar um bem público, conseguindo inserir a comunidade na vida escolar. Construiu salas de aulas, rampa, coberturas para proteger os alunos. Investiu na melhoria da qualidade do ensino local e mostrou que com boa conversa, educação e simplicidade é possível unir o povo

no propósito de melhorar o setor ao qual administra. VITÓRIA Com o povo ao seu favor, não teve comício de Antônio José que desse jeito. O resultado foi comemorado nos quatro cantos da cidade. Flávia, mais uma vez impôs uma derrota fragorosa ao prefeito, derrotando a sua candidata. Ela obteve cerca de 390 votos, contra 91 da adversária. Depois de consagrada no cargo, a diretora continuou a realizar novos investimentos como forma de beneficiar alunos e professores. Bem que o prefeito tentou levar ao conhecimento do povo de que ele foi o responsável pela verba que Flávia conseguiu junto à secretaria estadual de Educação para a escola estadual. O seu jornal foi motivo de chacota na cidade. Um prefeito que nunca ajudou a Escola, sequer com ônibus, como comentou a diretora, não teria capacidade de uma hora para outra buscar recursos para investir no local. Flávia, vitoriosa, conseguiu unir grandes lideranças e

Flávia: credenciada para disputar a eleição em São Geraldo da Piedade

partidos para enfrentar o prefeito nas urnas. Ela, que nunca disputou eleição política, tem uma grande vantagem: é administradora, sabe traba-

lhar com dinheiro do povo, atende todos que a procuram e é de uma educação que fará a diferença em uma futura administração.

Amados, no inicio do mês de dezembro eu estive junto com o PLC jovem do Santa Rita, participando de um curso em Aimorés, cidade abençoada por Deus, perto de Governador Valadares, foram três dias cheios da graça de Deus, o nome do encontro PLC jovem, foi o primeiro entre tantos outros que irão acontecer em nome de Jesus! Queridos eu pode ver na intimidade a grandeza do Amor de Deus, como todos nós que estávamos ali pregando e participando. Vi jovens viciados aceitando Jesus e sendo batizado pelo Espírito Santo, e com essa ação de Deus na vida destes jovens, concerteza a cidade de Aimorés não será a mesma depois deste lindo e abençoado encontro do PLC jovem! O mais engraçado é que os pais, os amigos desses jovens acreditavam, tinham esperança que transformação iria acontecer, enquanto muitos apostavam que estes jovens iriam continuar do mesmo jeito após o encontro, pois eu digo uma coisa amados, eu vi com os meus próprios olhos, os olhos da fé que o inimigo não tem poder sobre aquele que aceita o Senhor Jesus como Salvador da sua vida, vi jovens equilibrar e dominar a sua sexualidade buscando a mudança, viciados abandonando vicio maldito, jovens se reconciliando com Deus e os pais, irmãos e amigos verdadeiros. Lindo também foi ver o Padre Elias, um holandês que chegou a Aimorés há muito tempo sendo também renovado por esses jovens entusiasmados (Deus dentro), amados eu ouvi uma frase do Padre Elias que disse; A igreja que não trabalha e não incentiva os jovens a praticar o evangelho é velha e não tem futuro! É muito lindo vindo dele que não é um Padre da renovação carismática, mas carismático, alegre, verdadeiro no que fala e às vezes duro com as palavras, mas o pai corrige a quem ama! E muito lindo! Irmãos, eu que sou pecador, fraco, limitado a minha alma se enche de alegria, agora vocês imaginem no céu a festa que deve esta acontecendo por causa desses jovens que revolveram a aceitar a boa noticia do Senhor Jesus! Ai vem um ser incrédulo, tosco e me diz que “pau que nasce torto morre torto” é a mais pura mentira! Já vi transformações tremendas, é claro que não é do dia pra noite como muitos falam, é um trabalho árduo, sofrido que requer muita paciência dos pais, amigos enfim dos familiares, do grupo e da própria Igreja, porque a conversão ela é diária. “Eu não acredito em certos tipos de conversões de uma hora pra outra, é claro que o Senhor Jesus pode tudo, a palavra de Deus diz; “tudo pode naquele que me fortalece”. O pau que nasce torto não morre torto para aquele que aceita Jesus como Senhor e Salvador. Profissão de José e do seu filho Jesus de Nazaré, era a carpintaria, pois então Aquele que deu sua vida para nossa redenção, para nos salvar era um carpinteiro. Amados, Jesus que sabia trabalhar com madeira, concerteza Ele saberia transformar a madeira que era torta em uma madeira reta, limpa, e bonita. Amados, quero agradecer a Deus e a Igreja católica pelo Amor em especial aos seus jovens, agradecer também a duas pessoas que nos ajudou muito nesse encontro em Aimorés que foram à irmãzinha Ariadne e sua Mãe, o PLC masculino e feminino. Louvado seja o nome do Senhor Jesus! Graça e paz da parte de Jesus Cristo Senhor nosso e Salvador!


JULHO/2008

PÁGINA 5

Cultura

Sob Medida

Espaço Cultural

Homenagem justa à Telma Salim de Vasconcelos

D

iretora de esportes do município Telma Salim, é uma mulher vencedora. Ela, que soube, através da sua competência conquistar a confiança dos administradores do município, hoje é responsável por uma importante área, que é a de esportes. Telma recebeu na Câmara de Governador Valadares o merecido Título de Cidadã Honorária por tudo que tem feito e com certeza vai fazer em prol da comunidade do município. Abaixo momento da homenagem à Telma Salim de Vasconcelos.

Inconsciente

Aglaure Corrêa Martins

Habitar minh’alma É participar Da ceia Da minha vida É ungir Com ânimo A alvorada De cada novo dia Provavelmente A mente esnoba Seu mais nobre Pensamento E finge ser Realmente algo aparente Preciosamente escondido No IMO Do inconsciente.

Um grande público compareceu na Câmara de Vereadores para homenager a diretora de Esportes, Telma Salim

Há de se reconhecer que, quando a Globo quer, ela consegue fazer bonito. Depois de tanto lixo na sua programação, ela acerta na dose no programa Por Toda Minha Vida. Ele mostra a vida de nomes consagrados e ídolos de uma geração. O primeiro foi com os Mamomas Assassinas, o segundo com a cantora e compositora Dolores Duran. O interessante são os atores não muito conhecidos do público. Isto agrada mais ainda. Grande apresentador da TV brasileira Chacrinha será o próximo homenagedo. PANTANAL A novela que foi tirada do baú da Manchete pelo dono do SBT Sílvio Santos pegou no país. Com um enredo gostoso de assistir, não apenas pelas belas cenas de nudez de suas atrizes, mas pelo carisma dos personagens, Pantanal já encostou no Ibope da Record. FAVORITA O autor da novela Favorita mudou o percurso da história. Ninguém estava mais agüentando o chororó da personagem Flora e a péssima interpretação da atriz Cláudia Raia, como a dramática Donatela. E além do mais, não tem nada a ver aquele grande destaque para o jornalista, Zé Bob. Parece interesse pessoal. CQC Quando o pessoal do Pânico vai tomar jeito e melhorar o conteúdo do seu programa. Basta assistir algumas edições do CQC. Humor não precisa de ser burro e bizarro. Pode ser inteligente. Assim tem sido nas segundas-feiras na BAND. HEBE Apresentadora de TV mais antiga do Brasil Hebe Camargo reclamou que ia ao ar muito tarde. Sílvio Santos mudou a programação para as 20 horas. Mas o ibope da Vovó Loira caiu. Ela precisa dar uma balançada na sua equipe senão daqui pouco vai dar traço no ibope. CAIXA Provavelmente incentivado por algum advogado o ator Daniel Dantas vai processar o jornal italiano “La Stampa”, que publicou fotos suas como o banqueiro homônimo envolvido no caso da Operação Satiagraha. O jornal não queria ridicularizar o ator. Apenas errou e além do mais ele não foi ridicularizado por isso. No Brasil ninguém conhece o jornal. Mas toda essa confusão vale um dinheiro a mais no caixa do ator e do advogado. Se conseguirem uma vitória na Justiça italiana.

RIR, O MELHOR REMÉDIO COMPRANDO PASSAGENS O Americano, de férias no Brasil, com dificuldades enormes com o idioma português, vai comprar uma passagem de ônibus. Já na fila da Rodoviária, observa atentamente como faz a moça à sua frente: Me dá uma passagem para Aparecida, ida! pede ela. E na vez dele, não teve dúvidas: Me dá uma passagem para Aracaju, ju! ADÃO E EVA NO PARAÍSO Um inglês, um francês e um russo estão num museu vendo um quadro de Adão e Eva no Paraíso. Olha só que discrição, que calma! diz o inglês. Só podem ser ingleses. Imagine! diz o francês. Eles estão pelados, com um sorriso sacana no rosto. Só podem ser franceses. Não têm roupa, não têm casa, diz o russo. Só têm uma maçã para comer e disseram-lhes que estão no Paraíso. Só podem ser russos! O ARGENTINO NO MIRANTE Um argentino pede a um taxista que o leve ao mirante de uma estrada nas proximidades de Buenos Aires, onde fica prostrado por mais de duas horas, observando a cidade, sem dizer uma palavra. A certa altura, o motorista perde a paciência e interrompe o seu devaneio: Mas que tanto o senhor observa? Estou olhando para ver como é a cidade sem mim!

QUEBRA-MOLAS Um português vinha dirigindo um carro, quando avistou uma placa que dizia: “devagar, quebra-molas”. Então ele acelerou a mais de 120 por hora e quebrou o carro. Revoltado, voltou até a placa e escreveu: “cuidado, depressa também quebra”. BOM DIA Toda vez que a professora chegava na sala de aula e falava “bom dia”, os alunos respondiam “bom dia”, mas tinha um som no final que era assim: ...êêêêêêêê. Um dia a professora chega, dá bom-dia e os alunos respondem “bom dia”, sem aquele som no final. Ela percebe que o Joãozinho faltou e diz para a classe: Olha só, amanhã, quando eu falar “bom dia” vocês não respondem pra eu ver o que acontece. No outro dia então, a professora entra na sala e diz: Bom dia. E só o Joãozinho responde: Vai se fudêêêêêêêê. VARIANDO NO CASAMENTO Depois de alguns poucos meses de casado, o marido diz para a mulher: Hoje vamos fazer um negócio diferente, querida! Vira! Oh, não! Mamãe bem que me disse que um dia você iria pedir isso! Não viro, não! Mas amorzinho, você não disse que queria ter um neném?

Mande seu Poema, Poesia, Conto ou Crônica para ser publicado nesse espaço. Envie com sua foto para o email folharegionalgv@uol.com.br ou folharegionalgv@bol.com.br – Não esqueça do endereço e telefone de contato para envio do jornal.

SIGNOS ÁRIES (21/O3 A 20/04) Hoje é um dia ótimo ara você programa um final de semana especial com a família e amigos mais próximos. Você está mais caseiro do que nunca e qualquer atividade nessa área vai colocar sua vida e principalmente seus nervos no devido lugar. TOURO (21/04 A 20/05) Como tenho dito a você, está na hora de parar de querer controlar tudo e todos. Lembrese que nada está totalmente sob nosso controle e que existem forças muito maiores e mais sábias do que nós atuando em nossas vidas. GÊMEOS (21/05 A 20/06) Sua intuição está à flor da pele e tudo o que diz respeito a seus planos de vida estarão mais claros no dia de hoje. Você pode aproveitar essas boas energias para meditar e relaxar, ou mesmo aconselhar seus amigos em questões mal resolvidas por eles. CÂNCER (21/06 A 21/07) Você tem atraído pessoas diferentes ao seu círculo de amizades. E isso é muito bom, pois entre essas pessoas pode estar aquela que há tanto tempo está esperando. Só não fique preso a essa idéia. Deixe que a vida flua naturalmente, caso contrário, se você começar com sua mania de controle, pode por tudo a perder. LEÃO (22/07 A 22/08) Você está muito sensível e pode contar com a ajuda de seu coração para decidir questões que estão deixando você de cabelo em pé nos últimos dias. Esses problemas podem ser de outras pessoas, próximas a você. VIRGEM ( 23/08 A22/09) Seus planos e projetos pedem novas avaliações. Você pode aproveitar esse pedido do Universo para tirar um tempo e pensar seriamente a respeito. Você estará criativo e cheio de novas idéias e conseguirá ver novas e melhores saídas para sua vida.

LIBRA (23/09 A 22/10) Ótimo dia para você parar e refletir sobre o que realmente deseja para sua vida. Seus planos e projetos pedem novas avaliações. Você pode aproveitar esse pedido do Universo para tirar um tempo e pensar seriamente a respeito. Você estará criativo e cheio de novas idéias e conseguirá ver novas e melhores saídas para sua vida. ESCORPIÃO (23/10 A 21/11) Hoje sua energia está diretamente conectada com energias superiores. Você deve aproveitar essa conexão para entrar em contato mais profundo com seus desejos e planos para o futuro, sejam materiais ou emocionais. Deixe que sua intuição responda a muitas de suas perguntas. SAGITÁRIO (22/11 A 21/12) Hoje é um dia que estará muito claro até onde você pode ir ou não. Isso é muito positivo para você, já que, como filho de Júpiter, tem como regra achar que pode tudo. A onipotência sempre fez parte de suas características e você sempre sofreu as conseqüências por isso. CAPRICÓRNIO (22/12 A 20/01) Você esta sempre achando que nada está tão bom quanto esperava, mas hoje você tem razão. Algo precisa ser revisto e reavaliado para que continue caminhando sem maiores problemas. Procure aparar as arestas do que é necessário para não ter que solucionar problemas no futuro. AQUÁRIO (21/01 A 19/02) As manifestações artísticas são ótimas referencias de tranqüilidade para você no dia de hoje. a musica, a pintura, o cinema ou a literatura são atividades que trarão apenas conforte e momentos de prazer. PEIXES ( 20/02 A 20/03) Se você não tem levado a sério suas necessidade de inovação no prazer e no amor, comece agora a pensar seriamente nesse assunto. Caso contrário você continuará sozinho ou confuso em relação aos seus desejos.


JULHO/2008

PÁGINA 6

Folha Regional 8 anos

Folha Regional: 8 anos levando informações a toda região N

esses 8 anos de circulação em toda a região, o Jornal Folha Regional agradece o apoio e incentivo que recebe nos municípios da região. Não é fácil manter um Jornal com o mesmo objetivo inicial, com notícias imparciais, verdadeiras e isentas. Assim tem sido o Folha Regional durante todos estes anos. Sem medo de cara feia de políticos diversos como prefeitos, vereadores e deputados o Jornal Folha Regional não foi criado para ser utilizado como fantoche dessas lideranças, seja elas de Governador Valadares, Guanhães ou outro município onde circula. Nossos eleitores são testemunhas do trabalho realizado e da divulgação séria das notícias. Se o nosso compromisso tem sido com os leitores desde a sua fundação, hoje aos 8 anos, com a consciência tranqüila podemos afirmar: O Folha Regional continua com o seu compromisso: o de levar informações aos leitores de toda região. Obrigado a todos! O Folha Regional impresso você recebe na sua cidade quinzenalmente. Mas a partir de agora você tem notícias on-line diárias: Roda Viva; Política; Polícia; Economia; Esportes; Região; Televisão e muito mais. Acesse o site do Folha Regional e fique ligado com tudo que acontece na região, estado, país e no mundo. Mande suas notícias, fotos, sugestões. Seja nosso parceiro e faça do Folha Regional o grande jornal on-line da região.

www.jornalfolharegional.com.br FREI INOCÊNCIO

Infidelidade partidária leva a cassação do vereador Zezé do Prata Este episódio aconteceu pela primeira vez na história do município

P

or 6 votos a 0 o Tribunal Regional Eleitoral cassou, no dia 16 de julho, o vereador José Maria de Souza, o Zezé do Prata. O julgamento ocorreu na sede do Tribunal, em Belo Horizonte. O vereador, membro da oposição, trocou o DEM pelo PMDB depois do prazo previsto pela Justiça Eleitoral. Zezé foi o primeiro vereador da história político-administrativa de Frei Inocêncio a ter o mandato cassado. Zezé do Prata foi processado sob a acusação de infidelidade partidária. Os juízes do Tribunal entenderam que a acusação tinha razão e que o vereador, de fato, infringiu a lei ao trocar de partido fora do prazo estabelecido. Os seus argumentos não convenceram a nenhum dos seis juizes do Tribunal, que foram unânimes na sua cassação. SUBSTITUIÇÃO Pela Lei em vigor, quando um vereador é acusado de infidelidade partidária e por esse motivo tem o mandato cassado, o seu suplente tem que ser do mesmo partido e não da coligação. O problema é que na época da mudança todos os suplentes seguiram o caminho de Zezé e saíram do partido, migrando para o PMDB. Pela lógica todos estão sob a mesma infração do condenado. SEM MANDATO Zezé do Prata é um político conhecido no distrito do Prata e aproveitou o trabalho realizado como agente da saúde no local para conseguir ser eleito vereador na última eleição. Ele era considerado membro da oposição e trabalhava intensamente contra a atual administração, sendo um dos que lutaram para tentar cassar o atual prefeito no início do ano passado, com argumentos não aceitos pela Justiça. A exemplo de Zezé do Prata outro opositor também se deu mal e teve sua candidatura à reeleição prejudicada, que é o atual presidente da Câmara Alfredo da Venda. Ele utilizou do mesmo artifício de Zezé, trocando o DEM pelo PMDB, mas depois tentou consertar o erro. Com a confusão protagonizada pelo próprio vereador ele percebeu que infringiu todas as regras e também ficou proibido de se candidatar. Este foi mais um duro golpe na oposição do município, que vê os seus membros batendo cabeça com erros políticos infantis, típicos de iniciantes.

Zezé do Prata não conseguiu escapar da cassação pela Justiça


JULHO/2008

PÁGINA 7

Eleições 2008 (1ª parte)

Candidatos que disputarão as eleições ÁGUA BOA

GONZAGA

PEÇANHA

Carlos Magno Ferreira - Dr. Magno .............................. PV

Efigênia Maria Magalhães - Efigênia .......................... PSDB

Eustáquio de Carvalho Braga - Dr. Eustáquio ............... PSB

Elimárcius Lacerda Costa - Dr. Elimárcius ................ PMDB

Oduvaldo José Batista de Oliveira - Oduvaldo ............. PPS

Marcos Geraldo Godinho Pereira - Dr. Marcos ...........PRB

GOVERNADOR VALADARES

SABINÓPOLIS

AIMORÉS

Elisa Maria Costa - Elisa Costa ...................................... PT

Carlos Roberto Barroso Mourão - Beto de Dante ......... PT

Alaerte da Silva - Alaerte ........................................... DEM

Jose Bonifácio Mourão - Mourão ............................. PSDB

Élzio Maria de Pinho - Dr. Élzio ..................................... PR

Gilberto Paulo de Souza - Timburé ................................. PT

José Rodrigues de Araújo - Jô .................................... PCB

Geraldo Santos Pires - Geraldo Sabiá ...................... PMDB

Lair Pinheiro de Souza - Lair Pinheiro de Souza ............. PR

Renato Fraga Valentim - Renato Fraga ..................... PMDB

Idelson Batista Ribeiro - Idelson Batista ................ PC do B

SANTA EFIGÊNIA DE MINAS

Marcelo Marques - Marcelo Fubá ........................... PMDB GUANHÃES

João Abnir Pinho de Souza - Beto............................. PSDB

ALPERCATA

Geraldo José Pereira - Ladinho ...................................... PP

Rildo Carvalho da Cunha - Rildo.................................... PR

America Lucia Soares Braga - America ........................PDT

Osvaldo Castro Pinto - Osvaldo de Castro ................ DEM SARDOÁ

Doracy de Sá - Doracy de Sá ......................................PSC Gilcleber Bento de Souza - Gil Bento ....................... PMDB

INHAPIM

Cleber Pereira da Silva - Cleber...................................PSC

José Ferreira Leão - Padre Zé Leão .............................. PT

Grimaldo de Oliveira Bicalho - Grimaldo Bicalho ..... PMDB

Edivaldo Carvalhais de Souza - Dr. Edivaldo............. PSDB

Hamilton Chagas Filho - Bó ....................................... DEM

Sebastião Carvalho Maciel - Doca ...............................PRB

Adeilson Medeiros de Oliveira - Adeilson ....................PDT

ITANHOMI

SÃO GERALDO DO BAIXIO

José Roberto Ferreira - Roberto Ferreira ................... DEM

Alvim Baia de Oliveira - Alvim Baia ............................... PT

Jose Vicente Mendes - Zé Vicente ............................ PSDB

José Vieira de Andrade Neto Vieira ........................... DEM

Wellerson Valério Moreira - Léo Moreira ................. PMDB

CANTAGALO

CAPITÃO ANDRADE

Raimundo Francisco Penaforte - Mundinho ..................PDT SÃO JOÃO EVANGELISTA

José de Oliveira Filho - Juca .......................................... PP ITUETA

Antonio Flausino Medina - Tonhão............................ PSDB

Evaristo C. Castro Filho - Evaristo de Castro .......... PMDB

Hércules José Procópio - Hércules Procópio ................ PT

Orestes Baldon - Nego Baldon .................................. DEM

Vera Lúcia Mourão - Vera Mourão ..............................PDT

JAMPRUCA

SÃO JOÃO DO MANTENINHA

Eduardo Sales Mariano - Duquinha ........................... PSDB

Fernando de Alencar Almeida - Fernando Alencar .... PSDB

Geraldo Gomes da Silva - Geraldo do Depósito ............ PP

Paulo Roberto Rodrigues - Paulinho ............................. PPS

Geraldo L. Amaral Junior - Geraldinho Amaral ......... PMDB

MANTENA

SÃO JOSÉ DA SAFIRA

Neyval José de Andrade - Neyval ................................PRB

Cláudio de Paula Batista - Cláudio ................................. PT

Ildeu Oliveira e Silva - Ildeu Oliveira .............................. PP

Maurício Toledo Jacob - Maurício Toledo.................... PPS

Medrade Balbino Temponi - Federal .............................. PR

Josias Morini Mendonça - Josias Morini ......................PDT CENTRAL DE MINAS Genil Mata da Cruz - Genil ............................................ PP Gilmar Dornelas de Souza - Gilmar da farmácia ............. PT CONSELHEIRO PENA Altair Luiz da Silva - Altair Luiz ....................................PSC

COLUNA

Vicente de Paula Marinho - Vicente Marinho.............. PMN SÃO JOSÉ DO JACURI

Edson Felício de Sousa - Disson .................................... PT Fernando Claudiano Alves - Fernando Corinto ............PDT

MARILAC

Igor Luis Barroso - Igor Barroso.................................... PP

Geralda Amador de Oliveira - Geralda Amador ......... DEM

Edmilson Valadão de Oliveira - Edmilson Valadão .... PMDB

José de Fátima Oliveira - Zezinho................................... PT

Jarbas Luz de Oliveira - Jarbas Luz de Oliveira ........ PMDB

Mauzir José de Oliveira - Mauzir ..................................... PP

José Geraldo Alves Gonçalves - Zé Geraldo ................ PTB

COROACI

MATERLÂNDIA

SÃO PEDRO DO SUAÇUÍ

Emerson de Carvalho Andrade - Emerson Andrade ....... PT

Marques Serafim de Pinho - Marquinho ....................... PPS

Geraldo Magela dos Reis - Magela Reis .................... DEM

Walter de Almeida - Waltinho ..................................... DEM

Regina Coeli Marques Ferreira - Regina ....................... PTB

Serafim Ciríaco de Oliveira - Serafim Ciríaco ........... PMDB

CUPARAQUE

MATHIAS LOBATO

SÃO FÉLIX DE MINAS

Maxwell Monteiro da Silva - Maxwell-suel ................ DEM

Carlos Eduardo Fernandes - Eduardo Fernandes .........PRB

Wanderley Vieira de Souza - Wanderley Vieira .............. PT

Nilson Machado Dias - TIM .................................... PMDB

Fabiano Lopes da Silva - Fabiano ............................. PSDB

DIVINO DAS LARANJEIRAS

Jose Geraldo Santana - Zeca ..................................... DEM

SÃO GERALDO DA PIEDADE

Reinaldo A. de Almeida - Prof. Reinaldo Almeida .........PHS

Antônio José Rabelo - Antônio José .......................... PSDB Flávia de Oliveira e Silva - Flávia diretora ................ PMDB

Edson Alves de Souza - Edson Bodola ........................PRB Luiz Antônio Martins Gama - Luiz Gama ......................PDT DIVINOLÂNDIA DE MINAS

MENDES PIMENTEL Aymore Moreira da Silva - More ............................. PMDB

SOBRÁLIA

José do Carmo de Souza - Zé do Carmo .................. PSDB

Roberto Moreira Rodrigues - Robertinho .................. PSDB Wilson Ferreira Neto - Timbal .................................. PMDB

Armstrong Antonio Coelho Cunha - Armstrong ............ PPS Luciano Magno Coelho - Luciano ............................. PSDB

NACIP RAYDAN Eduardo Antônio de Oiliveira - Dú do Tonhão ..............PDT

TARUMIRIM

DOM CAVATI

Marcelus de Oliveira Santos Vieira - Marcelão ............PSC

Altamir Severo da Rocha - Mirico.................................. PT

Jair Vieira Campos - Jair Vieira .................................. DEM

Sérgio da Paixão Oliveira - Sérgio Coelho ................ PSDB

Marcilio de Paula Bomfim - Tilica ............................... DEM

NOVA MÓDICA

TUMIRITINGA

ENGENHEIRO CALDAS

Anael Robson Ramos Farias - Anael o Leão ................ PSB

Alberto Carlos da Cruz - Betim ................................. PSDB

Juarez Contin Junior - Juarez Contin ......................... PMDB

Laercio Viana de Melo - Juninho de Laércio .................. PT

Luiz Denis Alves Temponi - Luiz Denis ......................... PTB

Samuel Dutra Junior - Juninho Dutra ......................... PSDB

Sinval Neves Miranda - Sinval Miranda ................... PMDB

Pedro Euzébio Sobrinho - Pedro Euzébio Pedrinho ........ PT

VIRGINÓPOLIS FERNANDES TOURINHO

PAULISTAS

Hiran Amaro Pinheiro Roque - Hiran Pinheiro .......... PMDB

Severino Mario Camelo - Mario Severino ................. PSDB

Geraldo Ribeiro de Morais - Dico ................................Dem

Márcia Maria Nunes Coelho - Márcia ........................... PR

Vicente de Paula Germano - Vicente ........................ PMDB

José dos Passos Mateus - Mateus.................................. PT

Maria Ângela Coelho de Magalhães - Maria Ângela ...... PT

Leandro Miranda Barroso - Leandro Barroso ........... PSDB

Maria Aparecida de Morais Ribeiro - Cida ............... PSDB

Carlos Antônio Lopes - Carlinhos Detetive..................... PT

FREI INOCÊNCIO

VIRGOLÂNDIA

Gilberto de Souza Melo - Gil Mello ............................... PP

Carlos Vinicio de Carvalho Soares - Dr. Carlos ............. PR

Francisco de Souza Leite - Chico Leite .................... PMDB

Rômulo Gonçalves de Oliveira - Rômulo .................. PMDB

Oliver Madeira Bicalho - Oliver Bicalho ....................... PDT

Geraldo Magela Borges - Magela ............................. PSDB

GALILÉIA


JULHO/2008

PÁGINA 8

Virginópolis

SÃO FÉLIX DE MINAS

PT realiza convenção para homologar candidatura de Maria Ângela Coelho

Prefeito é candidato único

Ela é uma das três mulheres que disputam a prefeitura da cidade

O

Partido dos Trabalhadores (PT), homologou a candidatura de Maria Ângela Coelho de Magalhães como candidata à prefeitura nessas eleições. Ela concorre com mais duas mulheres ao cargo: a ex-prefeita Cida Ribeiro e a atual Márcia Coelho. Maria Ângela, virginopolitana da gema, há mais de 40 anos trabalhando na comunidade, nas áreas social, educacional, saúde, igreja católica e também política. Filha do ex-prefeito Serafim Coelho de Magalhães, prefeito obreiro de 1969 a 1972,e de Júlia da Cunha Menezes , artesã famosa dos produtos de jabuticaba , é ex-vereadora e Relatora do Lei Orgânica do município em 1989 e hoje administra o Hospital São José. Folha Regional: Porque filiou em um partido de esquerda? Maria Ângela: Minha caminhada foi sempre de esquerda, desde os tempos estudantis na Ação Católica (JEC), depois uma das fundadoras do MDB depois PMDB, em Virginopolis elei-

ta vereadora pelo PMDB. Os virginopolitanos naquela época tinham uma idéia de que esquerda era perigosa ou apenas um partido de contestação. Hoje sabemos que a atitude é bem mais madura neste sentido, e que a esquerda não é mais como antes, basta vermos a votação do presidente Lula, neste mandato, não só no país, mas aqui em VGP(68%) Folha Regional: Não é muita pretensão de vocês (PT) almejar vôos tão altos? Maria Ângela: Nós queremos ter vez, mostrar nossas propostas participar das decisões locais, fazer mudanças significativas para os virginopolitanos, fazer uma Virginópolis mais alegre, mais feliz, mais bonita, mais desenvolvida, para todos. Folha Regional: E quanto a cara ruim, não quer festa na praça, não ter carisma, etc? Como ser candidata com estes sinônimos? Maria Ângela: As pessoas ás vezes confundem ou me olham com outros olhos. Para quem me conhece, ou

Wanderley: Candidato único

E

Maria Ângela foi escolhida para disputar a prefeitura pelo PT

já trabalhou comigo preferem dizer assim: No lugar de autoritária = Dinâmica , ansiosa, por chegar lá, buscar as coisas, fazer, persistente, trabalhadora, competente no que faz. Com relação ás festas, não existe ninguém mais festeira do que eu; basta lembrar dos bailes, festivais, festas religiosas ou escolares , reforma do Arpa Clube, das quais coordenei. (Foi uma propaganda enganosa, divulgada por adversários, naquela época) Vivo uma situ-

ação especial em casa , há mais de 4 anos, e luto por direito ao silêncio nas horas necessárias. De temperamento e cara ruim só posso dizer que ”filha de peixe, peixinho é”. Mas podem ter certeza que é só a cara ; o coração é grande e bom e quer o bem de todos. Folha Regional: Como seria seu governo, para agradar a maioria? Maria Ângela: Governo dentro da lei e do direito, sem politicagem mes-

quinha, sem perseguição, fuxico, fofoca e conversa fiada. O nosso lema é “ trabalho e fé, para mudar” mas com planejamento, competência , coragem, compromisso com a comunidade , buscar a participação de todos; e isto eu sei fazer muito bem e os virginopolitanos sabem disto.Virginópolis quer um governo onde todos possam participar, onde as pessoas possam decidir os rumos da cidade, quer mudanças firmes, com compromisso.

SANTA EFIGÊNIA DE MINAS

“Seu Juquinha” não merece o que o prefeito Rildo está fazendo C

riado no município “Seu Juquinha” é o tipo de cidadão que toda a cidade deve orgulhar e preservá-lo como símbolo, graças a história de seus pais e da sua em prol de Santa Efigênia de Minas. Quando “Seu Juquinha” já ajudava a cidade, talvez o prefeito Rildo de Carvalho andava de bermuda pelas ruas e nem sonhava em um dia ser prefeito de Santa Efigênia. Se o povo lhe concedeu esta honraria não era para desrespeitar uma figura tão importante e significativa para a história da cidade. Para o leitor entender o porque destas palavras vamos para a história. “Seu Juquinha” preparava um loteamento na entrada da cidade, quando o prefeito resolveu desapropriar a área. Rildo teve todo tempo para organizar e construir casas populares, assim como prometeu. Mas o projeto não saiu do papel. Com o lançamento da candidatura do filho de “seu” Juquinha à prefeitura, o Beto, Rildo parece ter ficado “irado”, principalmente

Loteamento em Santa Efigênia de Minas: Não conseguindo cumprir promessa de campanha, prefeito resolve desapropriar área do adversário

com o grande apoio que este vem adquirindo em toda a cidade e zona rural. BRIGA O prefeito não quer pagar valor devido e arrumou uma grande confusão para “Seu Juquinha”, que, na época de viver em descanso precisa de ir e vir à Comarca de Virginópolis para resolver esses problemas na Justiça. Caso Rildo pagasse o

valor devido não haveria problema. Mas entrar na área particular, cercar lote, como se fosse à força, sem uma decisão definitiva da Justiça, não é o melhor caminho. O povo da cidade conhece a história de “Seu Juquinha” e o que ele já fez em prol do município. Não é com essas ações que o prefeito vai conquistar a confiança do povo.

Seria melhor se Rildo tivesse de fato um projeto de construção de casas populares. Se lutasse com dignidade por uma saúde justa na zona rural e não deixasse um posto de saúde abandonado junto a curral com bois e vacas. AGRESSÃO A atitude do prefeito é uma agressão a um homem honrado que muito fez e ainda faz pelos mais carentes

da cidade. Com tanta confusão armada pelo prefeito, que “Seu Juquinha” foi parar no hospital e chegou a usar um marca passo. Mas forte, consciente de suas obrigações e deveres, ele continuar a lutar por Justiça, assim como sempre fez em prol de Santa Efigênia. O prefeito, deveria ter em “Seu Juquinha” exemplo de vida e fazer uma campanha na paz.

nquanto prefeitos da região lutarão dia e noite tentando vencer os adversários, o petista Wanderley Vieira de Souza pode dormir mais tranqüilo. Ele praticamente é o único da região e um dos poucos de Minas Gerais a conseguir disputar, este ano, uma eleição, com candidatura única. Na sua primeira vitória Wanderley teve como adversário o DEM e PMDB. Mas com uma administração sem perseguição política, na base do diálogo e pensando simplesmente no município não demorou muito para os adversários perceberem que o prefeito estava no caminho certo. Com os investimentos realizados Wanderley não teve dificuldades em ampliar sua base de apoio com outros partidos que não o apoiaram na primeira eleição e este ano terá mais tempo para administrar e não se envolver acirradamente na campanha. O trabalho desenvolvido por ele rende os frutos necessários.

Morte em Cantagalo Apanha e mata namorado

A

na Paula Claudino não é dessas mulheres que aceitam apanhar do marido impunemente. Parece que o namorado Leri Gomes do Nascimento não conhecia o seu gênio. No dia 20 de julho aconteceu o pior, entre os dois. No dia 20 de julho Leri e Ana Paula começaram uma discussão, por motivo fútil, que não justificava nenhuma agressão de ambas as partes. Mas por ser mais forte, Leri não tomou conhecimento da namorada e lhe desferiu um tapa no rosto. A agressão a irritou que não pensou duas vezes. Por não agüentar ir no tapa com o namorado, Ana Paula se dirigiu à cozinha, pegou uma faca e lhe desferiu um golpe, acertando no tórax. Enquanto a vítima era socorrida ao Hospital Santo Antônio, do município de Peçanha, Ana Paula fugia. Não demorou muito para ela ser presa e encaminhada para a Cadeia Pública de Peçanha. O seu namorado não resistiu aos ferimentos e morreu horas depois. Ela vai responder pelo crime de homicídio.


JULHO/2008

PÁGINA 9

Eleições 2008

SARDOÁ

Uma vice que entende de política

Três candidatos disputam eleição

PMDB escolhe filha do ex-prefeito João Domingos Fassarella para ser a vice de Renato Fraga

Â

ngela Fassarella é a primeira vice a ser entrevistada pelo Jornal Folha Regional. Filha do ex-prefeito do PT João Domingos Fassarella, Ângela é uma candidata autêntica e não utilizou de oportunismo para fazer parte da chapa de Renato Fraga Valentim. Apesar de acompanhar e participar de toda trajetória política de seu pai, ela preferiu trocar o PT pelo PMDB desde a época da administração Fassarella. Ângela seria candidata à vereadora pelo PMDB, mas com a desistência do PC do B em continuar na coligação, foi a escolhida pelos partidos que fazem parte desta frente para assumir a vaga. Folha Regional: Porque você não seguiu os caminhos do seu pai e ficou no PT? Ângela: Fassarella: Como eu fui criada por ele acho que a gente tem que acreditar no caráter das pessoas. Então isso não quer dizer que eu não segui os caminhos dele, porque os valores que ele deixou para mim isso ninguém tira. Eu fiz apenas uma escolha pessoal, dentro da conjuntura local que a gente vive aqui. Tenho uma admiração muito grande pelo Renato Fraga e acredito que, se o meu pai estivesse aqui, hoje por exemplo, ele teria respeitado a minha opção. Folha Regional: Você já participou de campanha política? Ângela: No ano de 2000 eu estava me formando e mesmo assim aceitei o convite do PT para participar da campanha como candidata a vereadora e ajudar a preencher os 20 por cento das vagas para as mulheres. Eu sempre participei da política. Fui

Ângela Fassarella: vice do candidato Renato Fraga

criada entregando os folhetos do meu pai e sempre acompanhei os momentos difíceis. Em 2000 fui participar das eleições com muita vontade porque a gente já tinha aquela idéia de que ele iria sair vitorioso. No primeiro comício percebi que eu estava incomodando os outros candidatos a vereadores. Imagina se meu pai subisse no palanque e pedisse um voto para mim? Para não constrangê-lo eu meu me anulei da campanha. Não ficava bem. Ele queria me ajudar porque via em mim a vontade. Depois da campanha fui para Belo Horizonte e abri uma clínica popular. Não tenho nada contra ninguém do PT e respeito a história do meu pai no partido. Só que para mim, nunca houve um espaço, eles não me viam como uma pessoa que estava ali para somar e sim para poder pegar tudo aquilo que o pai fez. Isso gerou um pouco de ciúmes. Folha Regional: Você vai usar o nome e a imagem do seu pai na campanha? Ângela: Eu tenho o nome dele isso ninguém pode tirar de mim. As pessoas aqui de Valadares têm uma sauda-

de da imagem dele, então se vai usar o nome não tem como não usar porque eu tenho o sobrenome. Folha Regional: Nessa campanha você vai participar intensamente pedindo votos de porta em porta? Ângela: Vou, é o que eu gosto de fazer. E eu estava até falando com o Renato que eu gosto é do corpo a corpo. Então a nossa campanha vai ser baseada mais no corpo a corpo e nos comícios. Já estivemos, inclusive, no Mercado Municipal. Folha Regional: Você se considera uma política de esquerda ou de direita? Ângela: Eu considero que a nossa postura política é a de valores. Essa visão de esquerda ou direita hoje em dia não tem muito sentido. Temos de ter propostas, e é o que a gente esta levando para a população. Folha Regional: A administração do Mourão não está boa a ponto de ser substituída? Ângela: Olha como eu sou dentista a primeira área que eu olho é a saúde. O atendimento precisa melhorar. O atendimento odontológico,

funcionamento das unidades de saúde, a área de educação é outro setor que requer atenção. Precisamos discutir com a comunidade o problema da segurança pública, melhorias no setor turístico e outras prioridades. Folha Regional: Quais são as principais metas do PMDB para cidade que serão implantadas de imediato caso vençam as eleições? Ângela: A primeira coisa que eu falei com o Renato é que nós temos que investir na formação profissional dos jovens. O jovem tem que ter um amparo. Temos que investir na saúde onde seremos bastante atuantes. Quero ir a todas as unidades de saúde, e participar da implantação de um projeto de assistência odontológica para o idoso. Vamos investir muito também na área do lazer. Queremos assim melhorar toda a estrutura a cidade. Folha Regional: Você não entrou meio desanimada com os comentários de

que o PMDB seria uma chapa fraca? Ângela: Não. Eu não tenho esse medo. Acredito que podemos vencer e mostrar para os valadarenses que precisamos de mudanças. Entrei na campanha com vontade de ganhar. Folha Regional: Quais as qualidades que o Renato tem que você pode passar para o eleitor? Ângela: Primeiro que o Renato era amigo do meu pai e isso eu posso te dizer com muita convicção. Nos momentos difíceis de saúde dele, o Renato sempre esteve presente. Percebo que amigo quando é amigo de verdade é nos momentos difíceis. O Renato foi diretor do SAAE, secretário de Saúde e secretário de Obras do governo do meu pai. Maior demonstração de confiança eu acho que não existe. Acredito que ele é uma pessoa extremamente competente, honesta, uma pessoa temente a Deus. Admiro muito e acredito nos seus projetos.

Quem é Ângela Fassarella? F

ilha do ex-prefeito João Domingos Fassarella, Ângela tem 31 anos. Nascida em Governador Valadares, ela formou-se em odontologia na Univale. Em 2000 foi fazer pós-graduação em Belo Horizonte onde abriu uma clínica popular. Depois de quatro anos na capital mineira Ãngela resolveu trabalhar em Ipatinga. Neste período ela continuou acompanhando o dia a dia de Valadares, e filiada ao PMDB, resolveu participar da campanha como candidata a vereadora. Com a vaga de vice na coligação livre, Ãngela aceitou o convite para assumi-la e trabalhar ao lado de Renato Fraga na campanha.

OPERAÇÃO JOÃO-DE-BARRO

Construção da ponte Prefeitos da região podem ser na BR 259: antes presos a qualquer momento tarde do que nunca Devassa nas prefeituras e residências de prefeitos tem o objetivo de preparar provas para pedido de prisão dos administradores

O

Construção de ponte na BR 259 resolveu o problema naquele local

D

emorou, mas os motoristas que trafegam na BR 259 - sentido Santo Antônio do Porto, Sardoá não correm mais risco com a antiga ponte de madeira no local. Acaba de ser construída a ponte de concreto no local, além do asfaltamento do restante da estrada. A ponte de madeira já foi destruída no período de chuva, atrapalhando o tráfego de veículos. Revoltados muitos prefeitos criticaram a falta de uma ponte que atendesse a região.

s moradores de cidades da região que acompanharam a Polícia Federal realizar uma devassa nas prefeituras e casas de prefeitos não se surpreendam caso aconteça prisões a qualquer momento. O objetivo da Polícia Federal, a partir de agora, é prender os prefeitos envolvidos em desvio de verbas enviadas pelo Governo Federal para construção de casas populares e saneamento básico. Muitos prefeitos da região negam que estejam envolvidos em falcatruas com o dinheiro público. O que eles não sabiam é que estavam sendo investigados há quase um ano por agentes da Polícia Federal e escuta telefônicas, autorizadas pela Justiça. A apreensão de documentos nas prefeituras e residências dos envolvidos é

apenas uma parte da Operação João de Barro, que já em mãos documentos que comprovam o grau de envolvimento dos prefeitos. CASAS POPULARES Com ajuda de contadores, aliados, deputados e outros envolvidos nesta máfia, prefeitos conseguiam verbas do Governo Federal para construção de rede de esgoto e casas populares. Alguns até chegavam a construir as redes de esgoto. Mas utilizavam material de baixa qualidade com preço inferior, ao contrário da solicitação da verba. Esta atitude visava ratear a verba adquirida para os seus bolsos e de políticos envolvidos. Outros conseguiam dinheiro para construção de casas populares e iam enrolando a população, dizendo que não tinha conseguido as ver-

bas. Os que construíam utilizavam o mesmo artifício como a compra de material de baixa qualidade e embolsava o dinheiro. PRISÃO Na primeira fase desta operação alguns dos envolvidos foram presos. A Polícia Federal, sabendo do envolvimento de muitas prefeituras no desvio de verba pública, conseguiu convencer a Justiça da necessidade de recolher documentos de prefeituras. Autorizados eles não perderam tempo e para evitar o sumiço de computadores e documentos diversos mais de mil policiais federais realizaram a operação no mesmo dia, surpreendendo os prefeitos. A partir de agora a outra surpresa será o retorno de policiais federais para prender os prefeitos que estão envolvidos.

Edivaldo Carvalhais realiza campanha em Sardoá

O

médico Edivaldo Carvalhais de Souza (PSDB), é um dos candidatos ao cargo do atual prefeito Zé Coelho. Ele disputa os votos com mais dois concorrentes: Cléber Pereira da Silva e Sebastião Carvalho Maciel, o Doca. Popular na cidade, Edivaldo conseguiu a adesão dos principais nomes da política local. Entre os nomes o comerciante Hamilton, que que seria candidato e é considerado um dos mais influentes na cidade aderiu à candidatura do médico.

ALPERCATA

Padre entra na disputa

P

olitizado e conhecedor de cada rua de Alpercata e distrito, o padre José Ferreira Leão, o conhecido Padre Zé Leão conseguiu autorização da Igreja Católica para se candidatar à prefeitura da cidade. Filiado ao Partido dos Trabalhadores, Padre Zé Leão embolou de vez a disputa na pequena Alpercata, que tem quatro candidatos. O grande número de candidatos poderia ser bom para a reeleição do atual prefeito. O problema é que o seu grupo ficou dividido com a presença de outro forte nome, Doracy de Sá (PSC). Os eleitores, além do Padre Zé Leão, Doracy, Gilcleber tem ainda a candidata América Lúcia.

GUANHÃES

Apenas dois candidatos para a eleição

N

o início do ano criou-se a expectativa de que Guanhães teria no mínimo cinco candidatos, inclusive com postulantes garantindo participação no processo eleitoral. Terminado o prazo apenas dois tiveram coragem de colocar o nome à disposição do eleitorado: o atual prefeito Osvaldo Castro Pinto (DEM) e o ex-prefeito Geraldo José Pereira, o Ladinho(PP). As forças populares representadas pelo PT, que já elegeu um prefeito na cidade, PDT e PCdoB não conseguiram se unir para um candidato em comum.


JULHO/2008

PÁGINA 10

Cotidiano

Deficientes e idosos terão direitos a vagas em estacionamento com nova lei R

epresentantes dos deficientes físicos e idosos participaram no último dia 22, no auditório da prefeitura de uma solenidade para a assinatura do Decreto 8.816, de 16/07/08, que regulamenta a Lei 5.671, de 23/03/07. esta regulamentação beneficia portadores de deficiência física e idosos, acima de 65 anos, no estacionamento, denominado Zona Azul. O prefeito em exercício, Augusto Barbosa, ao lado de secretários, assinou o decreto. Esta ação permitirá que o serviço de estacionamento rotativo, denominado Zona Azul, seja isento de pagamento para as pessoas portadoras de deficiência física proprietárias de veículos adaptados e idosos, com idade igual ou superior a 65 anos, que sejam proprietários de veículos automotores. Os locais não serão demarcados para este fim, estando qualquer vaga disponível apta para o estacionamento. As vagas já existentes para deficientes continuarão a ser usadas normalmente. DOCUMENTAÇÃO NECESSÁRIA Os portadores de deficiência física devem cumprir os seguintes requisitos para

Cerimônia no auditório da prefeitura para regulamentação da Lei

que as vagas sejam utilizadas gratuitamente: Ser proprietário e condutor de veículo automotor adaptado para portadores de deficiência física; Possuir Carteira Nacional de Habilitação; Possuir no veículo, adesivo padronizado, conforme Legislação Federal pertinente, que identifique o condutor como pessoa portadora de deficiência física. Os idosos terão que realizar um cadastramento, que será feito pelo Departamento de Trânsito, Transporte e Sistema Viário (DTTSV), no tér-

reo da Secretaria Municipal de Obras e Sistema Viário (SEMOV), na Avenida JK, 1934, em frente ao SENAC, das 8h às 17h. Serão afixados adesivos padronizados nos pára-brisas dianteiros dos veículos de cada proprietário com informações do número da placa, data de validade e número do registro no cadastro. Para se cadastrarem, os idosos devem cumprir os seguintes requisitos: Comprovar a idade mediante apresentação de cédula de identidade; Apresentar Carteira Nacional de Habilitação em

nome do beneficiário, dentro do prazo de validade; Apresentar o Certificado de Registro e Licenciamento do Veículo (CRLV) em vigor, em nome do beneficiário; PENALIDADES Haverá penalidades de acordo com o art. 181 do Código de Trânsito se for constatado que o veículo está sendo utilizado por pessoa não cadastrada ou sem a presença do idoso como condutor ou passageiro, se a renovação anual do veículo estiver vencida e ainda se portar

adesivo de identificação com indícios e fraudes. Neste caso, a infração é considerada leve pelo veículo estacionar em desacordo com a sinalização, o condutor perde três pontos na carteira, a multa é de 50 UFIR e o veículo será removido. A gratuidade poderá ser cancelada se comprovada a má fé do beneficiário em fornecer as informações ou apresentar os documentos, e ainda utilização indevida do benefício sendo enviado documento para autoridade policial competente para apuração.

Conselheiros serão eleitos no dia 27

O

s valadarenses podem participar, no dia 27, da eleição para a escolha dos novos conselheiros tutelares que cumprirão mandatos de 2008 a 2011. A eleição, aberta a todos os moradores da cidade, acontece de 8 às 17h. Para votar o valadarense deve levar o título de eleitor e documento de identificação com foto. As inscrições para os Conselheiros Tutelares foram abertas em junho e teve 23 pessoas inscritas, nas quais passaram por duas etapas: a prova de conhecimento e o teste psicológico. O Conselho Tutelar é composto por cinco membros, eleitos pela comunidade, para acompanharem crianças, adolescentes, pais ou responsáveis em situação de ameaça ou violação de direitos. O órgão decide sobre a melhor medida de proteção para seus tutelados. Devido ao seu trabalho de fiscalização a todos os entes de proteção (Estado, Comunidade e Família), o Conselho goza de autonomia funcional, não tendo nenhuma relação de subordinação com qualquer outro órgão do Estado. SEGUE OS NOMES DOS CANDIDATOS: Vera Luci Soares de Oliveira; Erlinda Alves Ponciano Lima; Neide Terezinha Campos Galarza; Gabriela Soares de Melo; Luiz Fernandes Assunção; Elane Benevides Simões; Elizabeth Dias Oliveira Franca.

HOMENAGEM

Vereador Cabo Isá homenageia Corpo de Bombeiros do município

O trabalho digno dos bombeiros em Governador Valadares é motivo de orgulho para toda a comunidade e para os vereadores que realizaram uma homenagem na Câmara

A

o receber uma placa da Câmara Municipal de Governador Valadares, no dia 8 de julho, o major Silvane Gnisier representou toda a corporação do Corpo de Bombeiros, que há um ano atua na

cidade como Batalhão. A homenagem, de autoria do vereador Cabo Isá, representa a gratidão do vereador e de toda a Câmara para com o trabalho que vem sendo desenvolvido pela corporação no município. A história do Corpo de

Bombeiros se confunde com a própria história de Governador Valadares. Ao longo das décadas, os seu integrantes têm dado exemplo de como trabalhar em prol da cidade, salvando vidas e ajudando os moradores. Representando o co-

mando, Major Silvane recebeu dos vereadores os mais diversos elogios pela determinação do trabalho diário em prol da comunidade. Autor da homenagem, Cabo Isá explicou aos vereadores e bombeiros presentes

na Câmara que a sua luta tem sido para a construção de uma nova sede para o Corpo de Bombeiros. “O espaço da atual sede ficou pequeno e é necessária outra área com melhor infra-estrutura. Assumi esse compromisso e vou lutar com

essa finalidade. Os bombeiros vão ganhar com uma nova sede, mas o valadarense será o maior beneficiado porque conta com um trabalho digno que é realizado pelos nossos amigos do Corpo de Bombeiros”, comentou o vereador Cabo Isá.

133  

Edição 133