Issuu on Google+

Ano

EDIÇÃO

Cáceres vive momentos de descontração e magia; começou o maior festival de pesca do planeta Foto: Divulgação

A população de Cáceres vive momentos de euforia, descontração e magia. Começou ontem, o 31º Festival Internacional de Pesca Esportiva (FIP), considerado o maior evento do calendário turístico de Mato Grosso. Promovido pela prefeitura municipal em parceria com o governo do Estado, serão nove dias de uma extensa programação, cultural, recreativa e esportiva. A previsão é de que 250 mil pessoas, entre turistas, competidores e a população, em geral, participem e prestigiem as atividades. PÁG - 03

Unemat abre edital para 100 bolsas de extensão

A Universidade do Estado de Mato Grosso (Unemat), por meio da Próreitoria de Extensão e Cultura (Proec) divulgou na última quarta-feira edital para concessão de 100 bolsas de extensão universitária. PÁG - 08

Foto: Divulgação

IPVA de veículos com placas Exército, Marinha, polícias e Bombeiros de finais 8 e 9 vence neste mês se unem para garantir segurança no FIP Foto: Daniel Alcântara

Os proprietários de veículos com placas finais 8 e 9 têm até dia 30 de maio para pagar o Imposto Sobre a Propriedade de Veículos Automotores de 2011 em cota única, com desconto de 5%. No dia 31 de maio, o imposto ainda poderá ser pago à vista, mas sem desconto. O contribuinte que optar por parcelar o tributo em três vezes, o prazo final para pagamento da primeira parcela também é no dia 31 de maio. PÁG - 04

Cento e cinqüenta homens do Exército, polícias Civil, Militar, Federal, Rodoviária Federal, Corpo de Bombeiros e Marinha, estão empenhados na garantia da segurança da população e participantes do Festival Internacional de Pesca. As ações tiveram início antes mesmo da abertura do evento. Na quinta e sexta-feira, soldados do Exército, em parceria com a Polícia Militar, realizaram blitz em pontos estratégicos, principalmente, nos locais de entrada e saída da cidade, numa extensa fiscalização de trânsito. PÁG - 06

Magistrados em MT respondem por desvios de conduta e atuação parcial

OAB/MT sedia eventos sobre abuso e violência sexual no próximo dia 11

A Corregedoria-Geral do Tribunal de Justiça de Mato Grosso instaurou 38 sindicâncias contra juízes entre o final do último ano e os primeiros meses de 2011 para apurar indícios de desvio de conduta, demora em proferir decisões e atuação de forma parcial. PÁG - 09

No próximo dia 11 de maio, a Ordem dos Advogados do Brasil Seccional Mato Grosso sediará a abertura oficial do “Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Criança e Adolescente”, lembrado em 18 de maio. O evento é organizado pelo Comitê Estadual de Enfrentamento a Violência e Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes, e a Comissão de Infância e Juventude da OAB/MT, tem assento no mesmo, cuja presidente é a advogada Benedita Rosarinha de Arruda Bastos. PÁG - 07

PÁG - 10


Expressão NOTÍCIAS

ARTIGO

A origem do Dia das Mães A mais antiga comemoração dos dias das mães é mitológica. Na Grécia antiga, a entrada da primavera era festejada em honra de Rhea, a Mãe dos Deuses. O próximo registro está no início do século XVII, quando a Inglaterra começou a dedicar o quarto domingo da Quaresma às mães das operárias inglesas. Nesse dia, as trabalhadoras tinham folga para ficar em casa com as mães. Era chamado de "Mothering Day", fato que deu origem ao "mothering cake", um bolo para as mães que tornaria o dia ainda mais festivo. Nos Estados Unidos, as primeiras sugestões em prol da criação de uma data para a celebração das mães foi dada em 1872 pela escritora Júlia Ward Howe, autora de "O Hino de Batalha da República". Mas foi outra americana, Ana Jarvis, no Estado da Virgínia Ocidental, que iniciou a campanha para instituir o Dia das Mães. Em 1905 Ana, filha de pastores, perdeu sua mãe e entrou em grande depressão.

Preocupadas com aquele sofrimento, algumas amigas tiveram a idéia de perpetuar a memória de sua mãe com uma festa. Ana quis que a festa fosse estendida a todas as mães, vivas ou mortas, com um dia em que todas as crianças se lembrassem e homenageassem suas mães. A idéia era fortalecer os laços familiares e o respeito pelos pais. Durante três anos seguidos, Anna lutou para que fosse criado o Dia das Mães. A primeira celebração oficial aconteceu somente em 26 de abril de 1910, quando o governador de Virgínia O c i d e n t a l , Wi l l i a m E . Glasscock, incorporou o Dia das Mães ao calendário de datas comemorativas daquele estado. Rapidamente, outros estados norte-americanos aderiram à comemoração. Finalmente, em 1914, o então presidente dos Estados Unidos, Woodrow Wilson (1913-1921), unificou a celebração em todos os estados, estabelecendo que o

Dia Nacional das Mães deveria ser comemorado sempre no segundo domingo de maio. A sugestão foi da própria Anna Jarvis. Em breve tempo, mais de 40 países adotaram a data. "Não criei o dia das mães para ter lucro" O sonho foi realizado, mas, ironicamente, o Dia das Mães se tornou uma data triste para Anna Jarvis. A popularidade do feriado fez com que a data se tornasse uma dia lucrativo para os comerciantes, principalmente para os que vendiam cravos brancos, flor que simboliza a maternidade. "Não criei o dia as mães para ter lucro", disse furiosa a um repórter, em 1923. Nesta mesmo ano, ela entrou com um processo para cancelar o Dia das Mães, sem sucesso. A n n a p a s s o u praticamente toda a vida lutando para que as pessoas reconhecessem a importância das mães. Na maioria das ocasiões, utilizava o próprio dinheiro para levar a causa a

não agradecem freqüentemente o amor que recebem de suas mães. "O amor de uma mãe é diariamente novo", afirmou certa vez. Anna morreu em 1948, aos 84 anos. Recebeu cartões comemorativos vindos do mundo todos, por anos seguidos, mas nunca chegou a ser mãe. Cravos: símbolo da maternidade Durante a primeira missa das mães, Anna enviou 500 cravos brancos, escolhidos por ela, para a igreja de Grafton. Em um telegrama para a congregação, ela declarou que todos deveriam receber a flor. As mães, em memória do dia, deveriam ganhar dois cravos. Para Anna, a brancura do cravo simbolizava pureza, fidelidade, amor, caridade e beleza. Durante os anos, Anna enviou mais de 10 mil cravos para a igreja, com o mesmo propósito. Os cravos passaram, posteriormente, a ser comercializados. No Brasil

O primeiro Dia das Mães brasileiro foi promovido pela Associação Cristã de Moços de Porto Alegre, no dia 12 de maio de 1918. Em 1932, o então presidente Getúlio Vargas oficializou a data no segundo domingo de maio. Em 1947, Dom Jaime de Barros Câmara, Cardeal-Arcebispo do Rio de Janeiro, determinou que essa data fizesse parte também no calendário oficial da Igreja Católica. Texto compilado das seguintes fontes - Pesquisa de Daniela Bertocchi Seawright para o site Terra, http://www.terra.com.br/dia dasmaes/odia.htm Fontes / Imagens: · Norman F. Kendall, Mothers Day, A History of its Founding and its Founder, 1937. · Main Street Mom · West Virginia Oficial Site - O Guia dos Curiosos Marcelo Duarte. Cia da Letras, S.P., 1995. - Revista Vtrine - artigo Abril, S.P., 1999

ARTIGO

Dia das Mães Margarida Simplício P o u c o s t ê m conhecimento de que as mais antigas celebrações do Dia das Mães são mitológicas. Na Grécia antiga, a entrada da primavera era festejada em honra de Rhea, a Mãe dos Deuses. Durante o século XVII, a Inglaterra começou a dedicar o 4º Domingo da Quaresma (quarenta dias antes da Páscoa) um dia chamado Domingo da Mãe, que pretendia homenagear todas as mães inglesas. Nesse período, a maior parte da classe baixa inglesa trabalhava distante de casa e vivia com os patrões. As trabalhadoras tinham folga

para ficar em casa com as mães. Era chamado de "Mothering Day", fato que deu origem ao "mothering cake", um bolo para as mães que tornaria o dia ainda mais festivo. Nos Estados Unidos, as primeiras sugestões em prol da criação de uma data para a celebração das mães foi dada em 1872, pela escritora Júlia Ward Howe, autora de "O Hino de Batalha da República" e algumas apoiantes, que se uniram contra a crueldade da guerra e lutavam, principalmente, por um dia dedicado à paz. No entanto, foi outra americana, Ana Jarvis, no Estado da Virgínia Ocidental, que iniciou a campanha para instituir o Dia das Mães. Em 1904, Ana, filha de pastores, perdeu sua mãe e entrou em grande depressão. Preocupadas com aquele sofrimento, algumas amigas tiveram a ideia de perpetuar a memória de sua mãe com uma festa. Ana quis que a festa fosse estendida a todas as mães, vivas ou mortas, com um dia em que todas as

Expressão NOTÍCIAS

homenageassem suas mães. O objetivo era fortalecer os laços familiares e o respeito pelos pais. Durante três anos seguidos, Anna lutou para que fosse criado o Dia das Mães. A primeira celebração oficial aconteceu somente em 26 de abril de 1910, quando o g o v e r n a d o r d e Vi rg í n i a O c i d e n t a l , Wi l l i a m E . Glasscock, incorporou o Dia das Mães ao calendário de datas comemorativas daquele estado. De imediato, outros estados norte-americanos aderiram à comemoração. Finalmente, em 1914, o então presidente dos Estados Unidos, Woodrow Wilson (1913-1921), unificou a celebração em todos os estados, estabelecendo que o Dia Nacional das Mães deveria ser comemorado sempre no segundo domingo de maio. A sugestão foi da própria Anna Jarvis. Logo em seguida, mais de 40 países adotaram a data. O sonho foi realizado, mas, ironicamente, o Dia das Mães se tornou uma data triste

para Anna Jarvis. A popularidade do feriado fez com que a data se tornasse um dia lucrativo para os comerciantes, principalmente para os que vendiam cravos brancos, flor que simboliza a maternidade. "Não criei a data para ter lucro", disse furiosa a um repórter, em 1923. Neste mesmo ano, ela entrou com um processo para cancelar o Dia das Mães, mas não logrou êxito. A n n a p a s s o u praticamente toda a vida lutando para que as pessoas reconhecessem a importância das mães. Na maioria das ocasiões, utilizava o próprio dinheiro para levar a causa a diante. Dizia que as pessoas não agradecem frequentemente o amor que recebem de suas mães. Anna morreu em 1948, aos 84 anos. Recebeu cartões comemorativos vindos do mundo todos, por anos seguidos, mas nunca chegou a ser mãe. O primeiro Dia das Mães no Brasil foi promovido pela Associação Cristã de

Editor Geral Sinézio Nunes de Alcântara DRT-MT 403

Redação e Administração: Av. José Palmiro da Silva, 319 Bairro São José - Tel.: 65 3223-7942 / 9957-9878 - EMAIL: sinezioalcantara@hotmail.com Colaborador: Antonio Costa e Clarice Diório. Circulação: Regional - Tiragem: 1000 exemplares Publicação da Editora Jesuína dos Santos ME - Insc. Estadual 13345231-0 / CNPJ 09.108953/0001-42

Moços de Porto Alegre/RS, no dia 12 de maio de 1918, por iniciativa de Eula K. Long. Já a 1ª comemoração se deu em 1921. Em 1932, no governo provisório de Getúlio Vargas, que assinou o Decreto n.º 21.366, de 05 de maio, oficializou a data no segundo domingo de maio. Em 1947, Dom Jaime de Barros Câmara, Cardeal-Arcebispo do Rio de Janeiro, determinou que essa data fizesse parte também no calendário oficial da Igreja Católica. Apesar de ter passado quase um século, o amor que foi oficialmente reconhecido em 1907 é o mesmo amor que é celebrado hoje e, à nossa maneira, podemos fazer deste um dia muito especial. E é o que fazem praticamente todos os países, apesar de cada um escolher diferentes datas ao longo do ano para homenagear aquela que nos põe no mundo. Margarida Simplício Pres. da Comissão da Infância, Juventude e Idoso da OAB/RN Presidencia@oab-rn.org.br


Expressão NOTÍCIAS

TRADIÇÃO

Cáceres vive momentos de descontração e magia; começou o maior festival de pesca do planeta Foto: Arquivo

Federal e da Força Nacional, apoiados pelas justiças federal e estadual vão estar envolvidos direta e indiretamente na segurança dos turistas que vão participar do evento. Sanitário Para “desafogar” o grande fluxo de pessoas, principalmente, durante os shows artísticos, a coordenação ampliou o número

Editoria

A população de Cáceres vive momentos de euforia, descontração e magia. Começou ontem, o 31º Festival Internacional de Pesca Esportiva (FIP), considerado o maior evento do calendário turístico de Mato Grosso. Promovido pela prefeitura municipal em parceria com o governo do Estado, serão nove dias de uma extensa programação, cultural, recreativa e esportiva. A previsão é de que 250 mil pessoas, entre turistas, competidores e a população, em geral, participem e prestigiem as atividades. O show começou na noite de ontem. Autoridades municipais e estaduais, lideradas pelo prefeito Túlio Fontes, participaram da solenidade de abertura. Mais tarde, milhares de pessoas “vibraram” com a apresentação dos roqueiros do Paralamas de Sucesso. Na manhã de hoje, acontece à primeira competição pesqueira: cerca de 200 pescadores, entram no rio para o campeonato de pesca embarcada de canoa. Todos os exemplares capturados terão que ser devolvidos a água, numa demonstração de preservação de espécies. Maior festival de pesca embarcada em água doce do planeta, a previsão é de que o 31° FIP supere as expectativas em vários setores, entre eles a premiação e ao número de shows artísticos. Apesar das dificuldades financeiras, parcerias firmadas

Torneio de Pesca em Canoa abre, neste domingo, as competições de pesca do festival com várias empresas, resultaram na aquisição de um carro, motores e barcos, que serão entregues aos vencedores das competições. Ao todo serão R$ 130 mil em prêmios. Os shows artísticos também são recordes no FIP. Pelo menos, quatro shows de artistas nacionais vão animar a festa. Além das competições e as atividades culturais, o festival estará mostrando ao Brasil e ao mundo, as últimas novidades do setor náutico. Em uma feira na Praça Barão do Rio Branco, estarão em exposição os últimos lançamentos em barcos e motores. Haverá ainda Feira de Artesanato, oficinas culturais e de Gastronomia. Consta ainda da programação, corrida de canoa e corrida de caiaque. No setor

Beach, vôlei de praia, futevôlei, ciclismo e Beach Soccer. Saúde Pelo menos 100 profissionais entre médicos, enfermeiros, auxiliares, servidores públicos, além de voluntários, auxiliados por três ambulâncias, inclusive uma fluvial, fazem parte do aparato de saúde, montado pela prefeitura para dar suporte ao festival. O trabalho contará também com apoio dos voluntários da Cruz Vermelha, que serão auxiliados pela prefeitura, Corpo de Bombeiros e o Exército. Segurança Aproximadamente 500 homens das policias Militar, Civil, Corpo de Bombeiros, Policia A m b i e n t a l , G e f r o n , P R F,

de banheiros químicos passando de 50 para 110. Outro setor que também será melhorado é o da iluminação da área do evento e das ruas de acesso. Várias luminárias foram colocadas nos locais para facilitar a visibilidade durante a noite. Além disso, 60 barcos e 300 voluntários estarão envolvidos na fiscalização durante a realização


Expressão NOTÍCIAS

PRAZO

IPVA de veículos com placas de finais 8 e 9 vence neste mês Ligiani Silveira e Daniel Dino Assessoria/Sefaz-MT

Os proprietários de veículos com placas finais 8 e 9 têm até dia 30 de maio para pagar o Imposto Sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) de 2011 em cota única, com desconto de 5%. No dia 31 de maio, o imposto ainda poderá ser pago à vista, mas sem desconto. O contribuinte que optar por parcelar o tributo em três vezes, o prazo final para pagamento da primeira parcela também é no dia 31 de maio. Após esta data, o pagamento será integral com acréscimos legais (correção monetária, juros e multas). O Documento de Arrecadação (DAR-1/AUT), com o valor para pagamento do imposto, pode ser emitido pelo próprio contribuinte no portal da Sefaz (www.sefaz.mt.gov.br), no menu IPVA (lateral esquerda da página). O contribuinte também pode retirar o DAR1/AUT para recolhimento do I P VA n a s u n i d a d e s informatizadas do

Departamento Estadual de Trânsito (Detran/MT). Nos municípios onde não houver unidade do Detran ou, se houver e a unidade não for informatizada, o contribuinte pode se dirigir à Agência Fazendária do seu domicílio fiscal para retirar o DAR-1/AUT para pagamento do tributo. Se o contribuinte emitir o DAR pela internet, a taxa de serviços estaduais é de R$ 3,48. Caso opte por retirar o documento no Detran ou nas Agências Fazendárias, a taxa é de R$ 17,41. Onde pagar Os pagamentos relativos ao IPVA, qualquer que seja sua modalidade ou exercício de referência, podem ser efetuados mediante a apresentação do DAR nas Casas Lotéricas e agências ou nos postos de atendimento das instituições financeiras a seguir: Banco do Brasil (e correspondente bancário), Banco da Amazônia, Banco de Crédito Cooperativo do Brasil (Sicredi), Caixa Econômica Federal, Bradesco (e correspondente bancário), Itaú, Unibanco, Banco Cooperativo

Mãe, um presente de Deus Para completar o homem Deus a fez mulher Deus a fez mulher Mas para o amor, a ternura e o carinho Mas para participar do milagre da vida Deus a fez mãe Deus a fez mãe Para fazer qualquer trabalho Para liderar uma casa Deus a fez mulher Deus a fez mulher Mas para embalar um berço e construir um caráter Mas para edificar um lar Deus a fez mãe Deus a fez mãe Para estudar, trabalhar e competir Para ser princesa Deus a fez mulher Deus a fez mulher Mas para guiar a criança insegura Para ser rainha Deus a fez mãe Deus a fez mãe MÃE, o mais lindo presente de Deus! Para os desafios da sociedade Uma homenagem às mães de Cáceres, neste dia tão especial Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Cáceres

do Brasil (Bancoob) e Cooperativa de Crédito de Primavera do Leste (Primacredi). A orientação da SefazMT é que o contribuinte procure efetuar o pagamento pelo menos duas horas antes do fim do prazo de vencimento, com o objetivo de se precaver de eventuais dificuldades de comunicação dos sistemas informatizados das agências bancárias, o que pode afetar a transmissão do recolhimento à Secretaria de Fazenda. Vale destacar que o veículo com débito em atraso do IPVA não pode ser licenciado. Mais informações No portal da Sefaz, também no menu IPVA, o contribuinte pode consultar o valor do tributo do veículo em 2011 e a alíquota, acessar o extrato do seu imposto, verificar a situação de eventuais parcelamentos feitos em anos anteriores, além de toda a legislação pertinente. É possível ainda saber quanto terá que pagar de imposto nos casos de recolhimento em cota única com desconto de 5%, pagamento integral ou parcelamento.


Expressão NOTÍCIAS

CENSO

MT tem 567 casais homossexuais legalizados Isa Sousa Midia News

Mato Grosso possui 567 casais homossexuais de união estável. Os dados foram divulgados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) que, pela primeira vez, incluiu no Censo de 2010 uma amostra referente à relação de pessoas do mesmo sexo no Brasil. De forma geral, o país possui atualmente 60.002 casais homossexuais. Se comparado aos 3 7 . 4 8 7 . 11 5 d e c a s a m e n t o s heterossexuais no país, o número corresponde a 0,16% das uniões estáveis. Em relação ao CentroOeste, o Estado é o último no número de casamentos gays. Goiás aparece em primeiro lugar, com 1.593 casais, o Distrito Federal é o segundo, com 1.239, e Mato Grosso do Sul o terceiro, com 742 casais homossexuais de união estável. Para a presidente da Comissão da Diversidade Sexual da Ordem dos Advogados do Brasil de Mato Grosso, Danielle Barros Garcia, a pesquisa vem para mostrar uma parcela da sociedade até então "invisível". "Nunca se enxergou a existência dessas pessoas e elas precisam ser vistas, por isso mesmo a importância do Censo. No Brasil, diversas frentes buscam a melhoria de vida dos homoafetivos, que deve ser feita buscando combater a violência moral e física. Dados

como estes vêm para contribuir na elaboração de estratégias de ação", analisou. Legislação Atualmente no país não existe legislação específica que regulamente o casamento homossexual. O que ampara os casais, segundo Danielle, é a lei da união estável. Ainda assim, para garantir a dita "estabilidade", o casal tem de recorrer à ações na Justiça. Outras questões, avaliadas como embrionárias pela presidente da Comissão da Diversidade Sexual são as ligadas à adoção ou até mesmo à herança que o parceiro (a) vir a deixar. "Existe o risco de um casal construir uma vida toda junta, comprarem coisas no nome de apenas um dos dois e, caso um venha a morrer, juridicamente o companheiro ou companheira não ter o direito aos bens", exemplificou. Em Mato Grosso, a l é m d e o rg a n i z a ç õ e s n ã o governamentais, o amparo a homossexuais ou à atos de homofobia, vem do Centro de Referência GLBT de Combate a Homofobia, criado pelo Governo do Estado em 2007 e amparado pela atual Secretaria de Estado de Justiça e Direitos Humanos. Para a coordenadora do Centro, Cláudia Cristina Ferreira, a inclusão de casais do mesmo sexo no IBGE tem o significado de mais uma política pública que começa a ser implantada no País direcionada

a esse público. "Os dados servirão para que novas informações surjam. Isso vai fazer com que novas política públicas sejam implantadas para garantir aos homossexuais o direito à cidadania", disse. A Comissão da Diversidade Sexual da OAB no Estado também foi um diferencial. Ela é a única especifica do país. Melhorias Para o empresário Menotti Griggi, dono da boate LGBTTs (Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis, Transexuais, Transgêneros e Simpatizantes) "Zum Zum Bar Disco", a pesquisa foi um avanço, além de favorecer e fortalecer os homossexuais. "Hoje o preconceito é mais brando, mas eu tenho convicção que nunca vai acabar. O que acontece é uma tolerância maior e a pesquisa apresenta dados concretos, que irão contribuir na busca dos nossos direitos cada vez mais", ressaltou. Além disso, para Menotti, um grande diferencial em mostrar ao país, através de uma pesquisa ampla como a do IBGE, que a união estável homossexual é uma realidade, abre-se o leque para que mais gays se assumam e, consequentemente, busquem seus direitos. "A concretude dos dados, apesar de, na minha opinião serem irreais, tendendo para um número muito maior de casais, vem ao encontro da possibilidade de mais jovens se assumirem ou de terem o amparo da lei".


Expressão NOTÍCIAS

REFORÇO

Exército, Marinha, polícias e Bombeiros se unem para garantir segurança no FIP

Foto: Daniel Alcântara

Comandante do GGI, major Ramon indica pontos estratégicos das operações Editoria

Cento e cinqüenta homens do Exército, polícias Civil, Militar, Federal, Rodoviária Federal, Corpo de Bombeiros e Marinha, estão empenhados na garantia da segurança da população e participantes do Festival Internacional de Pesca. As ações tiveram início antes mesmo da abertura do evento. Na quinta e sexta-feira, soldados do Exército, em parceria com a Polícia Militar, realizaram blitz em pontos estratégicos, principalmente, nos locais de entrada e saída da cidade, numa extensa fiscalização de trânsito. A iniciativa é do Grupo de Gestão Integrada (GGI) com a finalidade de conter o elevado índice de ocorrências antes e durante o FIP. “A idéia

é ampliar a fiscalização devido ao grande número de pessoas que visitam a cidade durante o festival” explica o diretor do GGI, major Ramon Barbosa, comandante da Companhia do Corpo de Bombeiros, acrescentando que cada órgão de segurança tem uma missão específica. O planejamento e a execução das ações são feitas com base nas informações repassadas por setores de inteligência ligados às policias civil, militar e federal. As polícias Militar e Civil, segundo ele, estarão incumbidas das ações de prevenção e repressão tanto na área do evento quanto do policiamento ostensivo em toda cidade. Além dos serviços normais, o Corpo de Bombeiros, conforme Barbosa trabalha na fiscalização e prevenção dos

shows artísticos, praias e a raia da pista; a Marinha está responsável pela fiscalização do rio; a Polícia Rodoviária Federal está intensificando a fiscalização nas rodovias, enquanto que a Polícia Federal, atua em sua atribuição específicas de combate ao tráfico de drogas. A Justiça e o Ministério Público mantém uma equipe de plantão de apoio ao GGI. Para auxiliar no trabalho, a prefeitura, por meio da Secretaria de Meio A m b i e n t e e Tu r i s m o , disponibilizou uma estrutura que inclui postos de observação e monitoramento em vídeo. A proposta reafirma o comandante do grupo é garantir a segurança, não só do público flutuante, mas também da própria população, em razão do elevado índice de ocorrências policiais que são registradas nos dias que antecedem e durante o festival. Comandante do Comando Regional VI, coronel Cilson Oliveira, afirma que o objetivo da atuação do GGI deve ser de garantir a segurança no FIP e ao mesmo tempo combater o crime em toda a cidade. Oliveira disse que é fundamental que o Exército esteja envolvido nas operações promovendo especialmente ações como as do ano passado que ajudaram a reduzir consideravelmente o número de ocorrências.


Expressão NOTÍCIAS

PREOCUPAÇÃO

OAB/MT sedia eventos sobre abuso e violência sexual no próximo dia 11

Foto: Ilustrativa

24 Horas News

No próximo dia 11 de maio, a Ordem dos Advogados do Brasil Seccional Mato Grosso sediará a abertura oficial do “Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Criança e Adolescente”, lembrado em 18 de maio. O evento é organizado pelo Comitê Estadual de Enfrentamento a Violência e Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes, e a Comissão de Infância e Juventude da OAB/MT, tem assento no mesmo, cuja presidente é a advogada Benedita Rosarinha de Arruda Bastos. Os advogados, profissionais, estagiários e acadêmicos interessados em participar devem chegar à sede da OAB/MT a partir das 8 horas para credenciamento, seguido de café da manhã. Rosarinha Bastos fará a palestra de abertura a partir das 9 horas, no auditório da Ordem, com o tema “O enfrentamento ao abuso e exploração sexual em Mato Grosso”. Ela apr esentará um

panorama da situação no Estado; seguida de debates. Em seguida, às 10 horas, as autoridades presentes ficarão à disposição para entrevista à imprensa para apresentar dados e informações, destacando as principais deficiências e ações necessárias para Mato Grosso, que sediará em 2014 a Copa do Mundo. A criação da Promotoria e da Vara Especializada para apuração dos crimes de abuso e exploração sexual contra crianças e adolescentes com depoimento sem dano em audiência é uma das antigas reivindicações que será abordada pela presidente da CIJ, Rosarinha Bastos. Também participarão do evento a presidente do Conselho Estadual de Defesa dos Direitos da Criança e do Adolescente, Benildes Aureliano Firmo, que abordará a Carta de Mato Grosso; o presidente do Comitê Estadual de Enfrentamento à Violência e Exploração Sexual contra Crianças e Adolescentes no Estado, José Rodrigues Rocha Junior; entre outros convidados. Outros temas a serem

tratados estão o encaminhamento aos poderes constituídos em Mato Grosso para que as crianças e adolescentes sejam tratadas como prioridade absoluta, de acordo com a Constituição Federal, na elaboração do Plano Plurianual PPA 2012/2015; e a apresentação dos dados de atendimento nos Centros de Referência Especializados de Assistência Social (Creas). Outras atividades Durante todo o mês de maio ocorrerão diversas atividades visando sensibilizar autoridades, profissionais e a sociedade para o problema da violência sexual contra crianças e adolescentes em Mato Grosso. O dia nacional de combate ao abuso e à exploração sexual foi instituído em 18 de maio pela lei Federal nº 9970 /2000. Entre os dias 18 a 20 de maio ocorrerá o Seminário “Convivência F amiliar e Comunitária de Crianças e Adolescentes Direitos Humanos e Justiça”, na Promotoria de Justiça de Cuiabá. Outras informações no site da Associação dos Pesquisadores de Núcleos de Estudos e Pesquisas sobre a Criança e o Adolescente www.neca.org.br.


Expressão NOTÍCIAS

INICIATIVA

Unemat lidera ranking nacional de inscritos no Desafio Sebrae

Assessoria / Unemat

A Unemat (Universidade do Estado de Mato Grosso), lidera o ranking nacional de alunos inscritos no Desafio Sebrae, a frente de outras instituições de renome nacional. A notícia tem sido comemorada pela direção da instituição que avalia a importância da participação dos acadêmicos no jogo virtual, que é considerado o maior jogo de negócios para estudantes do mundo, e que procura

e s t i m u l a r o empreendedorismo. Os dados atualizados do Sebrae em Mato Grosso apontam que até o dia 04 de maio 681 acadêmicos da Unemat já haviam feito suas inscrições no Desafio, a segunda universidade com maior número de acadêmicos inscritos é a Faculdade Católica Don Orione, do estado de Tocantins, com 580 inscrições. Para conferir o ranking n a c i o n a l a c e s s e : http://www.desafio.sebrae.com.br/ Site/Estatisticas

do projeto em Mato Grosso, Rosane Cristina Guimarães Santos Rocha, explica que a participação dos acadêmicos da Unemat tem sido uma grata surpresa. “O Sebrae MT está em quarto lugar com números de acadêmicos participantes no país, atrás apenas dos estados do Paraná, Rio Grande do Sul e São Paulo, mas a Unemat está liderando o ranking das universidades no desafio, o que é muito legal. Além disso, as inscrições ainda não terminaram e outros acadêmicos ainda podem se inscrever”, afirmou. Para estimular a participação de acadêmicos no jogo, a universidade, por meio da Pró-reitoria de Assuntos Estudantis, em parceria com o Sebrae regional de Cáceres, vai premiar com dois computadores os cursos da instituição que mais tiverem alunos inscritos no Desafio Sebrae, que tem como tema deste ano a indústria de bicicletas. O jogo é composto por cinco fases, sendo que as três primeiras são virtuais, e as duas etapas finais ocorrem de forma presencial e serão realizadas em Brasília no final do ano. Os participantes são levados a tomarem decisões que vão impactar a realidade de cada empresa virtual, o que acaba definindo o resultado da competição.

Unemat abre edital para 100 bolsas de extensão Assessoria / Unemat

A Universidade do Estado de Mato Grosso (Unemat), por meio da Pró-reitoria de Extensão e Cultura (Proec) divulgou na última quarta-feira edital para concessão de 100 bolsas de extensão

universitária. A concessão da bolsa extensão, no valor de R$ 300,00 mensais, concedida pelo período de 1º de junho a 20 de dezembro deste ano, está sujeita ao cumprimento dos requisitos previstos no edital. O processo de seleção será

desenvolvido em duas etapas. Na primeira o coordenador do projeto deve solicitar a bolsa, e na segunda etapa o acadêmico deve apresentar o plano de trabalho. A divulgação dos selecionados para as bolsas de extensão universitária será divulgado no dia 31 de maio.


Expressão NOTÍCIAS

TOGA PESADA

Magistrados em MT respondem por desvios de conduta e atuação parcial Foto: Arquivo

24 Horas News

A Corregedoria-Geral do Tribunal de Justiça de Mato Grosso instaurou 38 sindicâncias contra juízes entre o final do último ano e os primeiros meses de 2011 para apurar indícios de desvio de conduta, demora em proferir decisões e atuação de forma parcial. Além disso, 52 procedimentos administrativos foram abertos para investigar magistrados. O levantamento foi publicado na quinta-feira,dia 5, pelo G1, da Globo. As denúncias estão mais concentradas no interior do estado, no entanto, as investigações são sigilosas e os nomes dos investigados não foram divulgados. Ao todo, o Poder Judiciário conta com 216 juízes distribuídos nas Comarcas de Cuiabá e no interior. A situação do juiz Fernando Miranda da Rocha, vetado para a vaga de desembargador por responder 30 procedimentos administrativos e ter contra si quatro penas de advertência e cinco censuras, é um dos casos típicos de magistrados classificados como “toga pesada”. O juiz responde uma ação penal pelo crime de corrupção passiva, proposta pelo Ministério Público. Miranda jurisdicionou em

processo que tinha por advogada sua esposa, concedendo-lhe o pedido. O Superior Tribunal de Justiça determinou o recebimento e o prosseguimento da ação penal contra o juiz, após o TJ ter tomado decisão que favoreceu o magistrado. Além disso, o juiz é acusado de ter favorecido, em uma ação contra o filho e o segurança do juiz ao tentar corromper policiais militares para evitar que falassem a verdade sobre o porte de uma arma que estaria sob posse do filho. Miranda da Rocha enfrentou ainda veto por inúmeras ações de execuções por parte de instituições financeiras, por cheques. Outro caso de repercussão investigado pelo TJ é contra um juiz de Paranatinga, 373 km ao Sul de Cuiabá, suspeito abuso sexual contra crianças e adolescentes no município. Ele foi afastado cauterlamente das funções pela presidência do Tribunal desde agosto de 2010. O magistrado tentou retornar ao cargo, mas o Pleno do Tribunal manteve o afastamento. O c o r r e g e d o r- g e r a l , desembargador Márcio Vidal, responsável por relatar as sindicâncias contra os juízes, considera alarmante o número de

garante que todos os casos estão apurados devidamente. "Todos os procedimentos estão sendo feitos para o andamento das investigações. Alguns casos são considerados mais graves e estão tendo a atenção que merecem. Mas o número de investigações é razoável", ressalta. O magistrado explica que as investigações contra juízes começam a partir de denúncias à Ouvidoria e irregularidades encontradas pela Corregedoria em correições nas varas e comarcas, entre outras. Após apuração, o corregedor manifesta o voto no relatório e encaminha ao Pleno, que aceita ou não a abertura de processo. O desvio de conduta levou o Conselho Nacional de Justiça (CNJ) a aposentar compulsoriamente, em janeiro do último ano, três desembargadores e sete juízes acusados de participação em desvio de recursos do Tribunal de Justiça para uma cooperativa de créditos ligada à maçonaria. Eles foram reconduzidos aos cargos por força de uma liminar proferida monocraticamente pelo ministro Celso de Mello, do Supremo Tribunal Federal (STF). O mérito dos mandados de segurança ainda não foi julgado. Com Kelly Martins, do G1


Expressão NOTÍCIAS

Pesca de Canoa dará premiação inédita e deve reunir mais de 100 equipes no FIP Foto: Pedro Miguel

500 homens farão a segurança durante o Festival de Pesca Assessoria Gonzaga Júnior

Assessoria Gonzaga Júnior

Criada em 2003 com objetivo de manter a tradição da pesca artesanal, a competição de Pesca de Canoa, abre neste domingo, as competições de pesca inseridas na programação do 31º Festival Internacional de Pesca Esportiva (FIP), que acontece de 7 a 15 na Praça de Eventos em Cáceres. Atendendo a um antigo anseio dos participantes, pela primeira vez desde a sua criação, a competição terá como prêmio principal um barco de alumínio e um motor de popa. As inscrições para o torneio custaram R$ 30 reais por equipe e foram feitas na sede da Secretaria de Meio Ambiente e Turismo (Sematur) ou pelo site www.fipcaceres.com.br Conforme o coordenador

das competições de pesca, Claudionor Duarte Correa, as inscrições foram abertas na última sexta-feira no estande instalado na Praça Barão do Rio Branco. Nestes mesmos locais também podem ser feitas as inscrições para Pesca Embarcada Motorizada que custam R$ 150 reais por equipe e para Pesca Infantil que custa R$ 20 reais por competidor. Como forma de estimular a participação, este ano à prefeitura, por meio de patrocinadores, está oferecendo R$ 120 mil em prêmios. A competição de Pesca Embarcada Motorizada, por exemplo, além de um carro para o campeão, premiará até o décimo colocado. Já o torneio de Pesca Infanto Juvenil, que reúne em média 2 mil competidores de 8 a 12 anos, terá entre os vários prêmios, computadores portáteis.

Aproximadamente 500 homens da Policia Militar, Policia Civil, Corpo de Bombeiros, Policia Ambiental, Gefron, PRF, Exercito, Marinha, Policia Federal e da Força Nacional, apoiados pelas justiças federal e estadual, vão estar envolvidos direta e indiretamente na segurança dos turistas que vão participar do 31º Festival Internacional de Pesca Esportiva de Cáceres (FIP 2010) que acontece de 7 a 15 de maio, em Cáceres. Os órgãos integram o Gabinete de Gestão Integrada de Segurança Publica (GGI), que colocou todo o seu aparato a serviço do município durante o evento. O planejamento e a execução das ações serão feitas com base nas informações que serão repassados por setores de inteligência ligados às policias civil, militar e federal. Para

auxiliar no trabalho, a prefeitura, por meio da Secretaria de Meio Ambiente e Turismo (Sematur), irá disponibilizar uma estrutura que inclui postos de observação e monitoramento em vídeo. Todas estas medidas foram tratadas durante uma reunião do GGI, realizada na terça-feira, 26, no auditório do Ministério Publico. Durante o encontro, o coordenador do GGI, major Ramão Correa, expos sua preocupação em função da quantidade de pessoas que circulam na cidade durante o evento. O secretário Sandro Miguel da Silva Paula aproveitou a situação, para apresentar a programação do FIP e as medidas adotadas para corrigir imperfeições constatadas no ano passado. Entre as mudanças, está o aumento e a distribuição dos banheiros químicos que saltaram

sobre a melhoria na iluminação da área do evento e das ruas de acesso e sobre as medidas que serão adotadas para organizar o transito de viaturas durante a noite e nos dois finais de semana. Preocupado com também com a segurança dos participantes das competições de pesca, o secretario anunciou que pelo menos 60 barcos e 300 voluntários irão auxiliar na fiscalização do evento. O coronel Cilso Oliveira, comandante do Comando Regional VI, afirmou que o objetivo da atuação do GGI deve ser de garantir a segurança no FIP e ao mesmo tempo combater o crime em toda a cidade. Oliveira disse que é fundamental que o Exercito se envolva novamente na segurança do evento e promovendo especialmente ações como as do ano passado que ajudaram a reduzir consideravelmente o número de ocorrências.


Expressão

Destaque

NOTÍCIAS

Clarice Navarro Diório

A miss Cáceres, Salemytha Costa está abrilhantando o 31º Festival Internacional de Pesca, iniciado na noite de ontem. Segunda colocada no concurso Miss Mato Grosso, a bela cacerense foi escolhida como a Musa da Pesca 2011. Uma escolha acertadíssima, diga-se de passagem.

Um dos empresários mais conceituados e bem sucedidos de Cáceres, Francis Maris Cruz, o Francis da Cometa, também se destaca pelo lado humanitário. A Cometa Motocenter, do grupo Cometa, prestigia a maioria dos eventos com a doação de prêmios que são revertidos, em prol dos menos favorecidos. Uma nobre iniciativa.

Demonstrando capacidade, competência e, sobretudo, dedicação a secretária municipal de Saúde, Arlene Alcântara, coordenou, pessoalmente, ontem, o Dia D da Campanha de Vacinação, contra Gripe Influenza Sazonal. Valeu Arlene!

Se fôssemos falar de todas, não haveria espaço em todos os jornais do mundo para homenageá-las. Por isso, escolhemos uma para representar em nosso humilde informativo a todas as mães brasileiras, mato-grossenses e, principalmente, cacerenses. Às mães novas e as mães velhas; às mães bonitas e as mães menos bonitas; as mais ricas e as mães pobres; as mães brancas e as mães negras, em nome de dona Ana Antunes, conhecida Namir, desejamos à todas um Feliz Dia das Mães.

Apesar do atraso, parabenizamos o pequerrucho Pedro Enzo, aniversariante do último domingo. A festinha foi prá lá de boa. Além dos familiares, Enzo recebeu os amiguinhos para o tradicional parabéns. Na foto o aniversariante com a mãe Daiane e o tio coruja Douglas. Um toque feminino, mas de muita competência e seriedade, na Polícia Militar, em Cáceres. Estamos nos referindo a policial Miriam Soares, a cabo Miriam que coordena com presteza e simpatia o trabalho de recepcionista do batalhão. Uma escolha acertada do comando.

CONTATOS COM A COLUNA: 9965 - 6176 / E-MAIL: clarice-freitas@hotmail.com


Esporte RETORNO

Amigos do Cacerense trabalham para colocar o time na 2ª Divisão Foto: Arquivo

Assessoria

Um grupo de torcedores formalizou durante reunião no Auditório do CISC, a criação da Associação Amigos do Cacerense, suporte financeiro e de marketing para o projeto de colocar o Cacerense Esporte Clube no Campeonato Mato-grossense da 2ª Divisão, que acontece em julho. O grupo escolheu o ex-jogador e exdiretor do clube Ademilson Elias (Baianinho), para assumir a função de presidente por dois meses. Participaram da reunião Renato Fidelis, Alex Cuyabano, Tarcisio Paulino, Brito, Canhento, Baianinho, Dede, Luiz Paraguai, Fonseca, Eduardo, Cesar Davi Mendo, Bira, Manga Rosa e Gonzaga Júnior. O grupo foi criado sob a condição de que Cáceres tenha apenas uma equipe no profissional e que o time que disputará a 2ª divisão, seja formado por jogadores pratas da casa, entre eles os campeões estaduais em 2007 e os que disputaram a Taça São Paulo de Futebol Juniores do ano passado. Outra condição colocada é que a folha de pagamento mensal

tão ultrapasse os R$ 15 mil reais e que eventuais reforços e até mesmo o treinador sejam conhecidos do torcedor e venham para resolver e não criar problemas. Durante o encontro foram criadas três frentes de trabalho: o grupo formado por Alex Cuyabano, Gonzaga Junior, Eduardo, Renato Fidelis e Tarcisio Paulino, irá responder pela apuração dos

as despesas. A segunda frente, composta por Manga Rosa, Baianinho e Canhento, irão tratar da montagem do elenco e da comissão técnica. Uma terceira equipe formada por Dede, Luiz Paraguai e Fonseca irá trabalhar para cuidar da logística de material, viagens e documentação junto a Federação Mato-grossense de Futebol (FMF).

Expressão NOTÍCIAS


ANO III - Edição - nº 0315