Page 1

www.eshoje.com.br DIVULGAÇÃO

Vitória, 6 de julho de 2018 J Ano XVII J Nº 704 J Edição Gratuita Semanal

Delícia de festa juninaj

ESHJ2

COLUNA

Grandes pequenos negóciosj6

ESHOJE

SABOR ES

DIVULGAÇÃO

Fundado em 19 de julho de 2000 por Carlos Roberto Coutinho

ESHOJE2

Truques chineses na neve

Casagrande sai na frente de Hartung

Feras do futebol do ES confiam em título

Ex-jogadores e cartolas comentam campanha brasileira na Copaj7

Pesquisa mostra que socialista tem ligeira vantagem sobre atual governador em três cenários diferentes; maior rejeição é de PHj5

DANIEL BITTENCOURT

SHUTTERSTOCK

QUANDO A CANNABIS É EFICIENTE

DOAÇÃO DE SANGUE É ESCASSA NO ESTADO

j3

Hemocentros do ES somaram 4,1 mil doações em junho; ainda é poucoj4

Calçado transparente está de volta às vitrines Medicamento à base de substâncias da planta já é vendido em farmácias do ES; tratamentos têm sido significativos contra convulsões

De sandálias a sapatos, coluna traz opções para várias ocasiõesjESHJ2


2

Opinião

SEXTA-FEirA, 6 dE julho dE 2018 j www.EShojE.com.br

fOTO DA SEmAnA

ESPAÇO DO LEITOR estadão conteúdo

Hipocrisia

Foi veiculado um vídeo onde um soldado beija outro homem. mas em que isso afetará suas atividades como Pm ou a sociedade capixaba? Parem de hipocrisia! hoje em dia temos que conviver com as diferenças ou teremos que nos matar, pois o mundo irá mudar ainda mais. Adelson S Bianchi

Estupro I

É triste ver novos casos de estupro, especialmente de vulneráveis, ganhando as páginas dos jornais a cada dia. mais triste ainda é o fato de na maioria das vezes o crime ser cometido por familiares das vítimas. Priscila Jhen

Estupro II Comemoração de gol do Brasil contra o México não se referiu ao seriado mexicano Chaves, disse CBF

EDITORIAL

Eleição boa para os candidatos É no mínimo pitoresca a realidade de um país que, vivendo uma sólida recessão econômica, com 13 milhões de desempregados, cria a cultura de que em dia de jogo do Brasil ninguém precisa trabalhar. Produzir o que e pra quê? Depois de uma greve de caminhoneiros que causou prejuízo ainda não calculado devidamente, a produção nacional se coloca diante de uma tela de televisão para decidir os destinos da nação. É até compreensível que atividades não essenciais sejam paralisadas por três ou quatro horas durante os jogos do Brasil. Mas impedir a população de ter acesso a serviços públicos essenciais um dia inteiro porque a seleção brasileira teve compromisso às 11 da manhã é inaceitável. O fato é que, após a Copa do Mundo, com ou sem título do Brasil, vamos estar a menos de três meses de eleições que vão escolher presidente e vice, senadores, deputados federais, deputados estaduais, deputados distritais e governadores. E o que há de diferente nesse pleito? É que nunca antes, na história republicana, se viu o eleitorado tão descrente, tão desmotivado e tão sem esperanças na promoção das mudanças que o país tanto necessita. A três meses do pleito não conseguimos, sequer, definir se os dois candidatos que despontam com favoritismo nas pesquisas de intenção de voto poderão ou não disputar o pleito. Um deles, o ex-presidente Lula da Silva, certamente não poderá, por proibição imposta pela Lei da Ficha Limpa. O que surpreende é que o Poder Judiciário parece querer protelar essa decisão até o último momento – ou em momento algum – permitindo que o eleitorado seja levado a crenças irreais. Fosse o Judiciário menos conivente com a ile-

A opinião dos colunistas não reflete o posicionamento do veículo

galidade, o nome de Lula não poderia, sequer, constar de pesquisas eleitorais. É criminoso, condenado, e dar a ele o direito de disputar a eleição, é transformar a Constituição em papel higiênico. Por ironia do destino, a Lei da Ficha Limpa foi sancionada quando Lula da Silva era o presidente do Brasil. Já naquela época, tinha absoluta certeza da impunidade. Precisou apenas, com muita cautela, escolher para o Supremo Tribunal Federal um grupo de ministros absolutamente incapazes de votar com liberdade, autonomia e em obediência aos princípios constitucionais. Como resultado da incapacidade do poder público de indicar soluções para as graves e sucessivas crises, a menos de 100 dias da eleição, cerca de 40% do eleitorado intenta anular o voto. Não há dúvidas, tampouco, de que será a eleição com o maior índice de abstenção de todos os tempos. Embora o voto seja obrigatório, a desmotivação é maior do que a multa pecuniária. Como resultado disso, apenas 20% dos votos estão cristalizados, dos quais 10% direcionados ao Partido dos Trabalhadores, e os outros 10% distribuídos entre Jair Bolsonaro, Ciro Gomes, Marina Silva, Geraldo Alckmin e Álvaro Dias. Não é que o eleitor não queira votar. Na verdade, o eleitor não quer votar nesses nomes colocados à disposição do eleitorado e que, em última análise, só geram repulsa e repúdio. O eleitor tem razão. Eleição é para escolher o melhor, e não o menos ruim.

Boa leitura!

tiragem: 5.000 exemplares circulação: Grande Vitória e digital periodicidade: Semanal

diretor geral carlos roberto coutinho carlos@eshoje.com.br

rua Paschoal delmaestro, 260 Ed. Vila da Praia, Sl. 5 e 6 - jardim camburi - Vitória - Espírito Santo cep. 29.090-460 Tel. 27 3395-1800/Fax. 3395-1801 www.eshoje.com.br redacao@eshoje.com.br

diretora administrativa bianca coutinho bianca@eshoje.com.br

muda as leis quero ver estuprar mais alguém. Eles vão pensar antes de fazer. Faz e não acontece nada, as leis do brasil são podres. Lucieny Santos

Brasil

Gilmar mendes, Toffoli, lewandowsky e marco Aurélio são os ministros do STF que a cada dia deixam mais evidente que são os advogados de defesa, naquela corte, dos bandidos e corruptos. Soltaram mais um, josé dirceu. Enquanto isso o povo brasileiro preocupado com Neymar. Carlos Carvalho Loureiro

Copa do Mundo I

Nossos políticos devem estar amando as vitórias da seleção brasileira na copa do mundo já que o foco da população deixou de ser os problemas que nosso país enfrenta e passou a ser futebol. Nilza Shurman

Copa do Mundo II

Perca logo, o país tem outras necessidades muito mais importantes pra serem resolvidas. @tiaguid

Copa do Mundo III

Neymar não fez nada! A nação brasileira tem que aprender que a seleção tem 11 jogadores em campo e deixar estrelismo de lado! Quem fez a diferença

foram os outros jogadores! Se Neymar aprender a tocar a bola para os demais e deixar de fazer firula os demais fazem muito melhor que ele! @alexcampanharo

Copa do Mundo IV

brasil por tudo que está passando com a corrupção e pensar em copa???? brasil não vive da copa, ver esses jogadores que ganham milhões e acha que eles estão vestindo a camisa da seleção pelo povo? Tomara que não repita o 7 X1, ia rir milhões. infelizmente não temos que torcer como torcia antes, ver um país no fracasso e pensar em copa? @monica.rossi.ferreira

Espírito Santo

Essa terrinha é gostosa, acolhedora e fascinante em qualquer época. @aldarinasodremagalhaes

Aeroporto

A nova pista não está pronta porque faltam peças. o aeroporto só estaria pronto ano que vem e não em março quando foi inaugurado... @marciadearck

Mais ônibus

Precisa colocar mais ônibus, pois não está sendo suficiente para atender toda população. os ônibus estão todos os dias extremamente lotados, especialmente nos horários de pico. @gracielli_thomas

Exemplo

Que belo exemplo de superação dado pela jovem que é a primeira arquiteta surda do Estado. Que seus planos sejam sempre maiores do que a sua deficiência. Parabéns! Elzeni Silva

Bronca

É Eco101, não teve coragem nem de colocar uma faixa de pedestre em frente ao shopping Pátio mix, em linhares. Será que está esperando alguém morrer atropelado? Claiton Souza

twitter: @eshoje / facebook: eshoje / instagram: /eshoje

projeto gráfico renon Pena de Sá e Patrícia Araújo www.renondesign.com fotografias Arquivo redacao@eshoje.com.br

diagramação diretora de redação/editora danieleh coutinho - mTb/ES 2694-jP jeferson louis - mTb/ES 3605/ES danihcoutinho@eshoje.com.br

redação bárbara caldeiras carolina boueri Gustavo Gouvêa márcia Almeida Pedro cunha Thaís rossi


Saúde

SEXTA-FEIRA, 6 DE JULHO 2018 j WWW.ESHOJE.COM.BR

3

VEJA NA ÍNTEGRA EM WWW.ESHOJE.COM.BR

Cannabis para curar doenças Primeiro medicamento à base de substâncias da planta já é comercializado em farmácias do ES GUSTAVO GOUVÊA gustavo@eshoje.com.br

C

  ser comercializado em meados de junho, no Brasil, o primeiro medicamento à base de canabinóides aprovado pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). No Espírito Santo, o Mevatyl, composto por 52% de tetraidrocanabinol (THC) e 48% de canabidiol (CBD) – princípios ativos da planta – em formato de spray oral, já é vendido em poucas farmácias, com uma média de preço de R$ R$ 2.519,00. A indicação do remédio é para pacientes adultos com espasticidade (contração muscular involuntária) moderada a grave devido à esclerose múltipla (EM), que não responderam adequadamente a outra medicação antiespástica e que demonstram melhoria significativa dos sintomas durante um teste inicial com o medicamento (anteriormente importado). “A espasticidade é como uma cãibra constante, uma condição dolorosa e incapacitante, caracterizada pela rigidez muscular. No Brasil, estima-se que cerca de 30 mil pessoas tenham EM e estudos apontam que cerca de 84% das pessoas com esclerose múltipla desenvolvem espasticidade, o que prejudica a execução de tarefas básicas do dia a dia, como se vestir ou alimentar-se, por exemplo”, afirma Andrea Viana, gerente médica do grupo Ipsen, responsável pela comercialização do remédio no Brasil.

ARQUIVO PESSOAL

Um estudo com o Mevatyl, publicado pelo European Journal of Neurology demonstrou que 74% dos pacientes que utilizaram o medicamento apresentaram redução de 30% ou mais nos sintomas de espasticidade em comparação com outros tratamentos utilizados previamente.

Depois do CBD, Sarah senta, rola, interage... a coordenação motora melhorou muito SANDRA SPERANDIO

Apesar de estudos também comprovarem a efetividade do CBD na redução de ansiedade, nas ações antipsicótica, neuro-protetora, anti-inflamatória, antiepilética e nos distúrbios do sono, e a efetividade do THC no efeito antiemético (trata náuseas e vômitos) e no aumento do apetite – sendo usado para tratar anorexia em pacientes debilitados – o uso dos princípios ativos da cannabis para tratar os problemas de saúde ainda é embrionário no Brasil. CONVULSÕES E CBD Sarah Sperandio tem 12 anos e sofre de paralisia cerebral. Com três anos de idade ela começou a sofrer convulsões muito severas, generalizadas e descompensadas. Desde então, os pais Sandra e César Augusto, iniciaram uma rotina de lutas atrás de médicos e re-

Sarah tem paralisia cerebral e sofria convulsões severas; após o CBD, o problema praticamente cessou médios para cessar as convulsões. “Tentamos várias medicações nacionais, mas não estava sendo suficiente”, relata Sandra. Em 2015, após acompanhar reportagens que retratavam a eficácia no uso do CBD para controlar a epilepsia, a família levou o assunto ao médico de Sarah, que considerou viável a tentativa de utilizar a substância da cannabis para tratar as convulsões. “Era um custo muito alto, na época era 280 dólares a seringa

Estado importa medicamentos   com informações da Secretaria de Estado da Saúde (Sesa), o Governo do Espírito Santo fornece medicamentos à base de canabidiol (CBD) a 10 pacientes atualmente. “Gasto de R$ 163.526,40 em 2017 e R$ 103.593,55 neste ano”, informou a Sesa por meio de nota. Patrícia Guisso, mãe de Giovanna, de 16 anos, que sofre da Síndrome de Dravet – doença epilética caracterizada por uma gran-

de quantidade de crises convulsivas – já chegou a gastar R$ 4 mil por mês na importação de duas seringas contendo canabidiol para o tratamento da filha. Mas, há quase três anos, ela foi um das que conseguiu na Justiça que o Estado custeasse o medicamento. Foi por meio de contato com Patrícia, que mora em Guarapari, que Sandra, residente em Vila Velha, conseguiu realizar todo o trâmite para que o Estado custeasse a importa-

ção do medicamento, que tem um preço elevado, para a filha Sarah. “Consegui achar a Patrícia pelo Facebook, devido à reportagem que ela fez sobre a eficácia do canabidiol com a filha dela. Ela me ajudou, me orientou, me direcionou para fazer os processos. Como não teríamos condições financeiras, entrei com processo judicial e, graças a Deus, conseguimos uma autorização para o Estado custear essa medicação”.

Campanha:

#JULHOVERMELHO

com 10 gramas, e mais 75 dólares de frete. A minha família ajudou a custear, nós compramos as primeiras seringas e foi eficaz. Aí o médico bateu o martelo para usarmos a medicação, associada às medicações nacionais. Consegui autorização com todos os trâmites médicos, laudo, relatório, exames, etc. e conseguimos importar”, contou Sandra. Ela fala sobre os benefícios: “As convulsões da Sarah praticamente cessaram. Ela era uma criança

completamente vegetativa, eram várias crises convulsivas mensais, uma criança que não era acessível, que não interagia, que não respondia a estímulo nenhum. Depois que introduzimos o CBD, Sarah hoje é uma criança que senta, rola, interage, não fala, mas entende. A coordenação motora dela melhorou muito, coordenação de tronco, de cabeça, foi uma coisa espetacular. Nem se compara, a minha filha mudou. Hoje é outra criança, outra pessoa”.

Médica indicou CDB para 10 pacientes A neuropediatra Rafaela Coppo estuda o uso das substâncias da cannabis no tratamento dos pacientes e está na lista da ONG Apoio à Pesquisa e Pacientes de Cannabis Medicinal (Apepi). Ela afirma que já indicou o CBD a cerca de 10 pacientes e, os que responderam positivamente ao medicamento, continuam usando. Os casos foram ligados a pacientes com epilepsia refratária a medicações comuns. “Uma criança com epilepsia de difícil controle, que já fez todos os tratamentos, e não deu, pode ter sucesso. Alguns melhoram e continuam usando. Outros não fez nem cosquinha. Algumas crianças tiveram melhoras das crises, ou na frequência ou na intensidade. Teve criança que fazia 50 crises por mês, e com óleo de CBD, faz 5. Os benefícios para o paciente e para a família são excepcionais”, relata Rafaela Coppo.

Apoio:


4

Saúde

SEXTA-FEirA, 6 dE julho dE 2018 j www.EShojE.com.br

Somente três mil capixabas cadastrados para doar sangue Número é bem abaixo do ideal; somente casos de grande repercussão têm sensibilizado população Gustavo Gouvêa thais Rossi redação@eshoje.com.br

N

o Espírito Santo, cerca de três mil pessoas estão cadastradas para a doação de sangue, de acordo com dados do Hemocentro do Estado do Espírito Santo (Hemoes). De acordo com informações da Secretaria de Estado da Saúde (Sesa), em junho, mês de campanha do "Junho Vermelho", 4.136 pessoas doaram sangue nos hemonúcleos de todo o Estado. Este número, entretanto, é sazonal, e depende de campanhas de doação divulgadas na mídia ou de situações de grande repercussão que sensibilizem os capixabas a doarem. O diretor do Hemoes Vitória, Marcus Vinícius Coelho, afirma que entre 60 e 65 pessoas doam sangue diariamente, mas que o ideal seria entre 100 e 110 doadores diários. Ele citou o exemplo do acidente na BR 101, em Guarapari, no mês de junho de 2017, quando o estoque de sangue do hemocentro mais que triplicou e levou 500 pessoas em três dias ao Hemoes. “Acho que depende das pessoas se conscientizarem, porque

sesa

o sangue é o único remédio não produzido. Tem remédio para tudo, mas sangue não tem produção. É doação sua para alguém que conhece ou não. Nos casos de acidentes, com policiais e vítimas de assalto, que têm uma mobilização, as pessoas vem mais. No dia a dia, são poucas”, pontuou o diretor.

o que me motiva é poder ajudar alguém em necessidade. tenho saúde para isso

CaRlos oliveiRa, engenheiro

Motivação O engenheiro Carlos Henrique de Oliveira fez a sua primeira doação aos 18 anos. E desde então vem doando sempre, na média, de três em três meses. “E o que me motiva a doar é poder ajudar. Ás vezes as pessoas precisam. É uma coisa que as pessoas que têm saúde, que podem ajudar ao outro, não costumam se atentar tanto. E tem muita gente que precisa. É isso que me motiva, poder ajudar alguém no momento de necessidade e saber que tenho saúde

segundo diretor, o ideal seria que entre 100 e 110 pessoas doassem sangue diariamente no hemoes para poder ajudar”, contou Carlos Henrique. Ele também é doador de plaquetas. “Teve uma época que fiquei doando plaquetas. E plaquetas você pode doar uma vez a cada mês. É lá no hemocentro também. Fiquei doando plaquetas durante alguns meses, pois tinha menos gente doando”, relatou o engenheiro.

Para Marcus Vinícius Coelho, a exemplo de Carlos, a pessoa precisa ser uma doadora regular, não de reposição. De forma geral, doações a cada três meses são consideradas as ideais. Para homens, o intervalo é de 60 dias, limitado a quatro vezes ao ano. No caso das mulheres, o prazo é de 90 dias, três vezes anualmente.

"amanhã você pode ser o receptor” divulgação

o diretor frisou que o processo de coleta sanguínea dura entre 10 e 15 minutos. O que o doador cede representa apenas 10% do sangue total presente no corpo. Os interessados precisam ter entre 18 e 69 anos (sendo a primeira coleta até os 60 anos e menores de idade somente com autorização dos pais), pesar no mínimo 50kg e estar em bom estado de saúde.

hoje você é doador, mas amanhã pode ser receptor. Doar sangue é doar vida MaRCus Coelho, Hemoes

O doador deve apresentar um documento original com foto, preencher um cadastro com informações básicas e responder a um questionário. Em seguida, passará por triagem para exami-

o atendimento no hemoes de vitória (av. Marechal Campos) é das 7 às 19horas, de segunda a domingo nar sinais vitais como pressão, pulso e temperatura. A entrega da Carteira do Doador será feita após 20 dias da doação. Em Vitória, o atendimento no Hemoes é das 7h às 19h (coletas são feitas até as 18h20), de segunda-feira a domingo.

No município da Serra, o horário é das 7h às 16h (até as 15h20 para coleta). Já nas cidades de Colatina, São Mateus e Linhares, o horário é das 7h às 13h, (até 12h20 para coleta). Nesses quatro últimos locais, o funcionamento é de segunda a

sexta-feira. “Pedimos que as pessoas se conscientizem, porque hoje você é doador, mas amanhã pode ser receptor. Sangue é vida, não é fabricado. Seja um doador regular”, finalizou o diretor do Hemoes Vitória.

“O processo de doação demora em torno de uma hora, entre cadastro e triagem hematológica com exames glicose e pressão, para saber se está apto. Após isso, acontece uma conversa com o médico, para que o doador explique se toma remédios, fez tatuagens ou tem problemas de saúde”, explicou Marcus Vinícius Coelho.

serviço Doe sangue, doe vida!

w hemocentro

do estado do espírito santo (hemoes) w local: Avenida marechal campos, 1.468, maruípe, Vitória w telefones: 3636-7900 / 7920 / 7921 w unidade de Coleta da serra w local: Avenida Eudes Scherrer Souza, s/nº (anexo ao hospital Estadual dório Silva) w te l e f o n e s: 3218-9429/ 3218-9242 w hemocentro de linhares w local: Avenida joão Felipe calmon, 1.305, centro (ao lado do hospital rio doce) w telefones: 3264-6000 / 3264-6019 w hemocentro Regional de Colatina w local: rua cassiano castelo, s/nº, centro w telefone: 3717-2800 w hemocentro Regional de são Mateus w local: rodovia othovarino duarte Santos, Km 02, Parque washington w telefone: 3767-7954


Geral

SEXTA-FEirA, 6 dE julho dE 2018 j www.EShojE.com.br

divulgação

VeJA NA íNTegrA eM www.esHoJe.CoM.br

Bastidores da Política

PDT garante Vidigal como vice de Hartung, caso tente reeleição

No Palácio

De acordo com a pesquisa, não optariam por Casagrande "de jeito nenhum", 33,2%; por Hartung, 41,7%

Casagrande na frente de Hartung

Pesquisa realizada por instituto do Paraná mostra que há empate técnico entre os pré-candidatos ao Governo do ES DANIeleH CouTINHo danihcoutinho@eshoje.com.br

T

udo leva a crer que a estratégia de Renato Casagrande (PSB) tem dado certo e suas andanças pelo Espírito Santo estão surtindo efeito positivo no projeto de eleição a mais um mandato ao Governo do Espírito Santo. Uma pesquisa realizada pelo Instituto Paraná aponta que o ex-governador está à frente da disputa com 32,59% das intenções de votos. Ele é seguido pelo atual governador Paulo Hartung (MDB), com 32%. O resultado é de um dos três cenários pesquisados. No primeiro, além dos nomes de Casagrande (27,9%) e Hartung (27,5%), estão os de Amaro Neto, Ricardo Ferraço, Rose de Freitas, Coronel Foresti, André Moreira e Gustavo De Biase. E Rodney Miranda no lugar de Amaro, no segundo cenário. Em um segundo cenário, também na menção estimulada, Casagrande lidera com 30,3% dos

NÚMEROS

27,9%

É a porcentagem de Casagrande no primeiro cenário pesquisado

27,5%

É a porcentagem de Paulo Hartung no primeiro cenário votos, contra 29,6% de Hartung. Já no terceiro cenário – estimulado – estão apenas os nomes de Renato, Paulo, a senadora Rose, coronel Foresti e André Moreira, no qual o ex-governador está na frente com 32,5% das intenções de voto, seguido pelo governador (32%), Rose (6,2%), Coronel Foresti (3,2%) e André Moreira (1,8%). Os eleitores que não souberam ou não votariam em nenhum deles somam-se 24,3%. Se nas eleições de outubro os candidatos ao Governo do ES fossem Paulo Hartung, Renato Casa-

grande e Rose de Freitas (Podemos), o Instituto Paraná fez um comparativo entre o potencial eleitoral dos três e apontou que “com certeza” votariam em PH 17,8% dos eleitores, seguidos por 17,2% Casagrande e 2,6% na senadora. A maior vantagem do ex-governador está nos que poderiam votar nele e nos que “de jeito nenhum” apoiam seu retorno ao Palácio Anchieta. A opção “poderia votar” foi escolhida por 47,3% dos eleitores quando o candidato era Renato, seguido por 38,2% para Paulo Hartung e 29,9% para Rose de Freitas. Já não optariam pelo atual governador “de jeito nenhum”, 41,7%, seguido pela rejeição ao nome da senadora (56,9%) e do ex-chefe do Executivo (33,2%). Apesar desse resultado, a administração do atual governo tem a aprovação de 58% dos entrevistados – apontam como regular 36,6%, seguido de bom (27,4%) e ótimo (9,7%). (Pesquisa completa em www.eshoje.com.br).

Magno Malta reeleito senador o instituto Paraná também fez levantamento sobre como os eleitores capixabas podem votar ao Senado Federal em outubro. E, se o senador Magno Malta (PR) não for compor a chapa presidencial de Jair Bolsonaro (PSC), como está cotado, pode se considerar reeleito. Ele tem apoio de 40,6% dos que responderam a pesquisa, seguido de Amaro Neto (32,7%), Ricardo Ferraço (29,3%), Fabiano

Contarato (12,9%), Sergio Majeski (8,8%) e Marcos do Val (5,7%). Quando avaliado o potencial eleitoral de quatro deles, a maior rejeição é ao deputado estadual Sergio Majeski, que teve 46,6% dos eleitores afirmando que não votariam nele “de jeito nenhum”. Um quadro negativo seguido por Ricardo Ferraço (40%), Magno Malta (36,9%) e Amaro (32%).

A pesquisa, estimulada, foi realizada por meio de entrevistas pessoais com eleitores com 16 anos ou mais em 50 municípios capixabas, durante os dias 28 de junho a 3 de julho de 2018. Ela está registrada no Tribunal Superior Eleitoral com o número ES 02366/2018. A margem de erro da pesquisa é de “aproximadamente 2,5%” para os resultados gerais.

O diretório estadual do PDT já dá como certo que, se o governador Paulo Hartung for candidato à reeleição, o vice da chapa será o presidente estadual do partido, o deputado federal Sergio Vidigal.

Mulheres serranas

Se for confirmado Vidigal, em seu lugar para concorrer à Câmara Federal é a esposa, Sueli. Com isso o município da Serra pode ter três deputadas federais, sendo as outras duas ligadas ao prefeito Audifax Barcelos: a primeira-dama Mara Barcelos e a vice-prefeita, Marcia Lamas.

Vaga certa

Falando em PDT, o partido dá como certa a posse de Duda Brasil à Câmara de Vereadores de Vitória, logo após a Copa. A cadeira é hoje ocupada por Max Da Mata.

Com Casagrande I

Mesmo sendo o grande cotado a vice na chapa de Renato Casagrande ao Governo do Estado, Luiz Paulo Vellozo Lucas não esconde seu interesse em concorrer ao retorno à Câmara dos Deputados. Inclusive, o ex-prefeito de Vitória, está rodando toda Capital em contato com as lideranças e visitando obras que ele fez e inaugurou quando foi prefeito.

Com Casagrande II

Se por um lado tem Luiz Paulo, por outro tem o nome do deputado Josias da Vitória, um apelo do interior do Estado e de lideranças na Polícia Militar. Contudo, também é desejo de Da Vitória concorrer a deputado federal.

Com Casagrande III

Ex-governador e candidato ao retorno, Renato Casagrande busca para compor sua chapa um nome forte do interior, pois na Grande Vitória já tem apoios de peso como os prefeitos Luciano

Rezende, Juninho e o ex-prefeito Luiz Paulo.

Com Casagrande IV

Fa l a n d o n i s s o , q u e m aposta da separação de Casagrande e Luciano Rezende, pode se frustrar. Os dois seguem caminhando juntos e realizando encontros periódicos para discutir políticas sociais para a GV e o resto do Estado.

Falando no prefeito...

... a eleição da mesa diretora da Câmara de Vereadores passa pelo crivo do prefeito Luciano Rezende. O candidato dele é o vereador Leonil.

Ainda sobre a Câmara...

...de Vitória, o vereador Denninho, que é da Grande Goiabeiras, vai prestar homenagem ao empresário Antônio Geraldo Perovano pelos 40 anos de sua empresa, Serdel, localizada na região. A condecoração, no dia 16 de julho, será apenas mais uma, já que o deputado Marcelo Santos fez indicação para que outra seja realizada na Ales.

Transferindo votos

De São Gabriel da Palha, onde foi prefeita e eleita deputada estadual, Raquel Lessa tem o apoio, na Grande Vitória, do suplente de vereador Luisinho Coutinho. Ele busca transferir seus votos na Capital para reeleger a parlamentar. Luisinho, que completou três mandatos, vai em busca do quarto em 2020.

Por Cariacica

O deputado estadual Marcelo Santos está investindo pesado em sua cidade, Cariacica. Conseguiu liberar milhões em emendas para obras infraestruturantes no município. Outra cidade que tem recebido carinho especial do parlamentar é Viana. Junto com o prefeito Gilson Daniel, esta semana recebeu o governador PH e o senador Ricardo Ferraço.

5


6

SEXTA-FEIRA, 6 DE JULHO DE 2018 j WWW.ESHOJE.COM.BR

HUGO BORGES POR CÉSAR HERKENHOFF L cesarherkenhoff@hotmail.com

STF varre o lixo pra cima do sofá “Que me perdoem se eu insisto nesse tema, mas não sei fazer poema ou canção que fale de outra coisa que não seja amor”. Eu deveria estar falando de Copa do Mundo, me divertindo com a Síndrome do Contracheque, qual seja, milhares de cronistas esportivos do mundo inteiro questionando o futebol de Lionel Messi, Cristiano Ronaldo e Neymar como se eles precisassem provar mais alguma coisa. Puro despeito. Os três, juntos, ganham mais do que todos os cronistas esportivos do planeta somados. Então prefiro imaginar o que seria dos adversários do Brasil se Neymar Júnior jogasse em pé. Mas minha intuição diz que ganhar da Bélgica hoje coloca o Brasil na final, contra a Inglaterra ou a Suécia. Mero palpite. Entendo tanto de futebol quanto os ministros do Supremo Tribunal Federal entendem de leis.

E aí é inevitável falar, mais uma vez, do escárnio promovido e patrocinado pelo STF contra a dignidade de toda nação. Um rábula sem qualquer qualificação jurídica ou acadêmica ingressa no Supremo Tribunal Federal por indicação de membros da maior quadrilha já formada no Brasil, e se coloca acima das leis para proteger bandidos. A suruba jurídica nacional começou, na realidade, quando por iniciativa do também despreparado Ricardo Lewandowsky, o processo da ex-presidente Dilma Rousseff foi fatiado para garantir a ela o direito de disputar as eleições de 2018, violando todos os princípios constitucionais que tratam da inelegibilidade. Agora volta à cena o futuro presidente do STF, Dias Tófolli,

um serviçal sem quaisquer qualificações jurídicas, e determina que o ex-ministro José Dirceu, seu patrão, seja colocado em liberdade, mesmo já condenado a mais de 30 anos de reclusão por corrupção. Na contramão da ética, da moralidade, do respeito ao povo brasileiro, ainda revoga, por iniciativa própria, ordem do juiz Sérgio Moro para impedir que o mentor intelectual da quadrilha petista seja obrigado a usar tornozeleira eletrônica. Esse mesmo cidadão negou um habeas corpus a um dependente químico condenado pelo furto de uma bermuda de R$ 10,00, recuperada em perfeito estado. Que país é esse onde, para você conseguir a liberdade no Su-

premo Tribunal Federal, precisa apenas provar que é culpado? O povo brasileiro está envergonhado. Os ministros pareciam ter perdido a vergonha, o constrangimento, mas exatamente pela incapacidade de olhar cada cidadão nos olhos, o STF viu-se obrigado a alugar uma sala privativa no aeroporto de Brasília para impedir que seus membros, transitando pelo saguão e salas de embarque, fossem hostilizados pela população. São 30 mil reais por mês, pagos pelo contribuinte, para que os ministros do STF sejam poupados de prestar conta de seus desatinos. O trio da maldade, integrado por Tófolli, Lewandowsky e Gilmar Mendes, valeu-se do fato de o povo brasileiro estar acompa-

nhando a Copa do Mundo para cometer as maiores atrocidades jurídicas de todos os tempos. É de envergonhar mesmo! Pessoalmente defendo um grande movimento nacional em que o eleitorado só reconduza do Senado Federal os parlamentares que, antes das eleições de 7 de outubro, instalarem pelos caminhos constitucionais, o processo de expurgo dos maus homens públicos do STF. Ou seja: quem assinar a abertura do processo merece o voto popular. Quem, por medo ou por ter o rabo preso, se recusar, seja também expurgado da vida pública, e responda pela conduta adotada no exercício do mandato sem foro privilegiado e sem as benesses do suspeito e indecoroso STF.

COLUNA FEU ROSA

ARTIGO

Dever de casa

Foco nos Federais

Dia desses li que em 2016 as microempresas - e só elas empregaram, no Reino Unido, nada menos que 4,1 milhões de pessoas, movimentando impressionantes US$ 732 bilhões. São números absolutamente vistosos, que comprovam a importância deste ramo da economia.

O que se vê, hoje, no Brasil, é a deturpação dos princípios republicanos, em que a busca da governabilidade, a qualquer custo, tem justificado o uso de práticas da velha política, como loteamento de Ministérios e órgãos públicos, num verdadeiro leilão na base do “toma lá, dá cá” ou “quem dá mais”.

E tão mais sério este quadro quando, de acordo com um estudo realizado pela Enterprise Research Centre, estes números poderiam ser US$ 22 bilhões maiores. Qual a receita? Segundo os pesquisadores, bastaria a adoção de algumas ferramentas tecnológicas básicas, todas na área digital e já disponíveis em praticamente todos os lugares - Brasil incluído. Descobriu-se, por exemplo, que o uso de plataformas “em nuvem”, que permitam o acesso de dados em qualquer local e horário, corresponde a um aumento nas vendas de produtos e serviços da ordem de 13,5% por empregado. Outra constatação: se uma microempresa utiliza programas de gerenciamento da relação com os clientes suas vendas são, via de regra, 18,4% maiores. Este estudo reflete a lógica: imagine, por exemplo, o ganho de horizontes que uma empresa aufere ao expor e vender seus produtos pela Internet! Paradoxalmente, no entanto, 25% das microempresas do Reino Unido simplesmente não fazem uso destas tecnologias. Anunciou-se, em consequência deste estudo, um plano governamental cujo

Há anos, o Palácio do Planalto vem perdendo o protagonismo do processo político, passando à condição de “refém” das práticas clientelistas e fisiológicas dos membros do Congresso Nacional, pressionado pelas bancadas da Bala, da Bíblia, do Agronegócio, etc. Em função disso, não há como esperar um “Salvador da Pátria” saído da próxima eleição presidencial, muito menos diante do leque de opções ora apresentado. Portanto, inócuo se torna o acirramento de tensões e clima de guerra entre partidos e eleitores. Assim, através do voto, já em 07/10/18, devemos começar uma profunda “faxina geral” na composição do Congresso Nacional, priorizando candidaturas mais qualificadas e, de preferência, não detentores de mandatos, pois, a depender dos atuais e/ou dos possíveis reeleitos, não haverá mudança. Uma revisão constitucional séria e as reformas trabalhista, previdenciária, tributária, política, eleitoral, etc, só ocorrerão com um congresso renovado, predominado por pessoas compromissadas com a boa política e com o interesse público.

objetivo é precisamente estimular o uso adequado, por parte das microempresas, da excelente infraestrutura digital oferecida por aquele país. Enquanto isso, aqui no Brasil, leio nos jornais que “a falta de luz e água afeta 18% das microempresas”. No mesmo sentido: “Os pequenos negócios, responsáveis por 27% do PIB brasileiro, estão com dificuldades para conseguir empréstimos no BNDES”. Ainda: “A informalidade laboral afeta 60% das microempresas da América Latina” - Brasil incluído. E as ferramentas tecnológicas? Lá vai: “42,5% dos mais de 200 milhões de brasileiros ainda não estão incluídos no mundo digital”. Não nos esqueçamos, finalmente, das absurdas cargas burocrática e tributária. É quando, com o espírito angustiado, contemplando um dos povos mais criativos e empreendedores do planeta, fico a pensar que se a Microsoft e a Apple fossem brasileiras ainda estariam nas garagens que lhes serviram de berço. PEDRO VALLS FEU ROSA Desembargador do TJES

Pela atual legislação, o número de Deputados Federais define o valor de repasse do Fundo Partidário e o tempo de rádio e TV, constituindo-se na principal motivação para elegê-los. Os conhecidos “partidos de aluguel” buscam também aumentar seu poder de barganha nas negociações dos tempos de mídia. Por sua vez, os Partidos no poder buscam a sua perpetuação, a exemplo do velho PMDB, que, há anos, prioriza a eleição de Deputados Federais, Senadores, Prefeitos, etc, sem se preocupar com a Presidência da República. Por último, os partidos mais ideológicos, deverão focar na eleição de Deputados Federais por outra razão muito mais nobre: renovar a cara do Congresso, na perspectiva de elevar o seu nível e resgatar a ética, probidade, transparência e democracia, além de criar condições reais para realizar as inadiáveis e urgentes reformas estruturantes, sobretudo, a reforma política que permita começar a passar esse país a limpo. CLEBER GUERRA Presidente do PSB-Vitória


Esportes

SEXTA-FEIRA, 6 DE JULHO DE 2018 j WWW.ESHOJE.COM.BR ARQUIVO PESSOAL

RUY MONTE DÁ O RECADO!

O Brasil está se impondo aos poucos. Gostaria que decidisse a Copa contra a Rússia

rmonte@eshoje.com.br

A indefinição da Copa da Rússia

GEOVANI, - brasileira

Geovani afirma que Neymar está voltando à forma ideal e que Thiago Silva está dando "aula de futebol"

Desportistas do ES acreditam no hexa

Geovani, ex-jogador da Seleção Brasileira e do Vasco, é um dos nomes que confia que o Brasil chegará à final, na Rússia RUI MONTE rmonte@eshoje.com.br

D

 C estão otismistas com relação a seleção do Brasil e, todos são unânimes em dizer que o time brasileiro chega à decisão do mundial da Rússia. Geovani ex-jogador da Desportiva, Vasco e Seleção Brasileira afirma que o time canarinho vai decidir o título e o adversário favorito seria a Rússia. "O time do Brasil está se impondo aos poucos. O Thiago Silva está dando aula de futebol depois das injustas críticas sobre o choro que ele deu em 2014. Ele está dando a resposta e sem dúvida é um dos melhores da equipe. O Neymar está aos poucos voltando à sua forma ideal e é explicável as suas dificuldades no começo, depois de um contusão grave que sofreu", disse . Geovani finalizou dizendo que o nível da Copa do Mundo é razoável mas tende a melhorar à medida que as etapas são cumpridas. Ele deu seu palpite sobre o jogo

O trabalho de Tite está sendo fundamental. Sua liderança é visível e traz resultados

ADALBERTO MENDES, Vitória F.C.

contra a Bélgica. "Os times se aprimoram a cada etapa que passa. Eu apostava na Alemanha e na Argentina, mas estão fora. Eu gostaria que o Brasil decidisse a Copa com a Rússia, o que seria ótimo. O Brasil ganha da Bélgica por 2 a 0", concluiu. PONTO ALTO O dirigente e ex presidente do Vitória F.C. Adalberto Mendes citou a organização do time na competição como ponto alto, e isso se deve ao trabalho de Tite. "A gente vê um time em campo bem organizado pelo seu treinador. O trabalho de Tite vem sendo fundamental. A liderança do treinador sobre os jogadores é visível e isso está trazendo os resultados.

O Brasil vai chegar à final não importando muito qual seja o adversário", opinou Mendes. Para ele, o Brasil ganha da Bélgica por 2 a 1. Antônio Perovano, vice presidente da Federação de Futebol do Estado (FES), fez questão de citar a organização da competição e deu seu palpite para o jogo contra os belgas. "A Rússia está de parabéns pela organização desta Copa. O Brasil depende dele neste mundial. O time cresce a cada jogo. Nesta partida contra a Bélgica será fundamental uma grande vitória", disse Perovano, que citou Neymar e Mbapé, da França e Cavani e Soares, do Uruguai como os melhores da competição. Paulo Sergio é comentarista esportivo e ex-goleiro de Vasco, Botafogo e Seleção Brasileira. Ele está otimista com o título mundial do Brasil. "O time cresce a cada jogo e ganha da Bélgica por 2 a 0. Gosto do espírito coletivo da seleção e Neymar, aos poucos, volta à sua grande fase. Estou otimista. Acho que vamos chegar lá. O Brasil tem um ataque diferenciado".

Seleção progride a cada jogo  , o Cacau, dirigente e ex jogador do Vitória dos mais categorizados acha que a seleção brasileira está progredindo a a cada jogo. Mas alguns pontos devem ser ajustados. "Nota-se que a cada partida o time melhora de entrosamento, mas noto que os laterais estão apoiando pouco, quase não pa-

tricipando do ataque. Temos um ataque baixo para os cruzamentos nas bolas altas. Esse jogo contra os Belgas não será facil.O Brasil vai ganhar com uma diferença mínima de gols", finalizou. Edinho, é craque meio campista, atualmente na Desportiva. Ele tem na sua bagagem vários títulos por equipes fora do Brasil. Ele

acredita no sucesso da seleção e diz que o time começou mal, mas cresce a cada jogo. "O time está numa cerscente e vai decidir o mundial contra a Inglaterra. Podem escrever isso. Acho Neymar um craque fora de série. Ele tem a obrigação de jogar sempre bem. Vamos ganhar da Bélgica de 3 a 1", finalizou.

Ninguém, em sã consciência, que acompanha e gosta de futebol não aponta ainda um campeão nesta Copa do Mundo, na Rússia, neste exato momento, depois de todos os jogos realizados até então. GETTY IMAGES

Brasil às vezes tem dificuldade em chegar no campo adversário É só lembrar que a Alemanha e Argentina, apontadas como duas das favoritas estão fora da competição. O Brasil passou pelo México, e, agora afunila um pouco a disputa para os brasileiros, pois vai enfrentar a Bélgica, que é um adversário que, se não for a altura, é um time que tem chance de ganhar o jogo ou a vaga para a próxima fase. Esta Copa do Mundo não

E Neymar ???

está tendo um nível alto de qualidade técnica, mas a disputa vem sendo árdua por parte dos seus participantes. As táticas em campo são as mesmas, mas prevalece aquele time que joga tocando bola atrás, e esperando aos poucos um erro do adversário para atacar. O Brasil não faz muito esse tipo de jogo, mas sente dificuldades, às vezes, em chegar no campo adversário.

A fama custa caro para qualquer um que pensa que pode deitar e rolar em cima dela. No caso de Neymar, especificamente, é um jogador de futebol que ganhou fama mundial, pelo seu futebol, pela sua situação e de ser um dos mais caros do mundo. Enfim, porque tudo que ocorre em seu redor, os seus atos, até na sua vida pessoal, geram polêmica. Neymar é um jogador acima da média, que é um dom, que não é para qualquer um. Só que, em futebol, nem sempre a genialidade resolve. O mais natural, no caso de Neymar, é realizar jogadas incríveis em campo, sendo caçado pelos adversários. Isso aconteece e ocorreu com todos os grandes craques. É só perguntar a Pelé, que não dava muito mole para os seus marcadores , e reagia, às vezes, à altura. No meu modo de ver, nós, da imprensa, aí eu me incluo, exageramos muito nos elogios e colocamos um atleta como Neymar, por exemplo, como um deus dos estádios. E não se trata disso! Geralmente, quando a fama sobe num atleta, num artista, seja cantor ou de novela, ou até mesmo de cinema ou teatro, serve sempre de notícia boa ou ruim para mídia, principalmente agora com a tal rede social. É muito difícil controlar isso tudo. Neymar simplesmente está tendo essa dificuldade ao conviver com sua fama, que é de um dos maiores astros de futebol do mundo.

7


Excelência. Essencial para mover e estimular o jornalismo. Qualidade para poucos, a excelência é necessária para apurar, redigir e publicar a melhor informação, com respeito, credibilidade e responsabilidade social. E ninguém é mais qualificado para representar o ápice do profissionalismo do que Cacau Monjardim. Com mais de meio século de jornalismo, Cacau, colunista de “Palcos e Atores” há 16 anos, é sinônimo de competência e de conteúdo ímpar, e faz questão de, pessoalmente, corrigir e planejar sua coluna, com Jeferson, diagramador de ESHOJE. Pai da frase “moqueca só capixaba, o resto é peixada”, Monjardim representa o espírito que nos move: a excelência.

ESHOJE Todo mundo vê. Todo mundo lê. Todo mundo gosta.

Cacau Monjardim Colunista

Jeferson Louis Diagramador

Foto: Pedro Cunha.


www.eshoje.com.br

Vitória, 6 de julho de 2018 J Ano XVII J Nº 704 J Edição Gratuita Semanal

Fundado em 19 de julho de 2000 por Carlos Roberto Coutinho

Acrobacias, malabarismo e contorcionismo no gelo

Circo da China On Ice chega à Vila Velha na próxima semana e promete encantar os capixabas dIVulGAção

Márcia alMeida cultura@eshoje.com.br

A

trupe do Circo da China desembarca em Vila Velha para apresentar o espetáculo “O Mundo da Imaginação”, uma bela e romântica história, que mescla acrobacia, malabarismo, equilibrismo e contorcionismo, em cima de uma pista de gelo. Os shows vão acontecer entre os dias 12 e 14, com duas sessões por dia, no Espaço Patrick Ribeiro. O espetáculo vai reunir 27 artistas em cena, que vão apresentar a aventura da Menina da Onda que, ansiosa para uma viagem ao misterioso mundo do gelo e da neve, é levada pelo Vovô do Vento Norte para voar pelo o céu. Inconscientemente, ela se torna a Fada de Cristal e pura neve, caindo do céu para o mundo de gelo, o Reino da Neve. De lá, ela vê as fadas andando pelo céu, girando e brincando com chapéus. Destaca ainda o romance da protagonista com Dabing, que a ensina a patinar e a construir um boneco de neve. Eles utilizam a carruagem da lua de mel para retornar ao mar onde ela vive. A delicada história conta com a presença de um príncipe e uma princesa, um unicórnio, além de Peter Pan e Pinocchio, elementos e personagens que estão encantando especialmente as crianças. Além do enredo, também é uma atração a parte o cenário, iluminação e figurinos marcantes. O produtor técnico do espetáculo, Pedro Nicolas, diz que a cia chinesa, que está em turnê pelo Brasil, já passou por cidades como Brasília, João Pessoa, Blumenau e Florianópolis e que o clima de suspense e encantamento dão o tom às apresentações. Entre os pontos altos da apresentação ele destaca a participação de uma bailarina que faz um número de balé clássico na cabeça de um rapaz e a aventura de um dos

"O Mundo da imaginação" destaca o romance da protagonista e conta com a presença de diversos personagens, como princesas e fadas dIVulGAção

a milenar arte circense chinesa será apresentada na pista de gelo

artistas na corda bamba. “É uma trupe jovem e muito talentosa. Os capixabas vão ficar encantados”, declara Nicolas. O espetáculo conta ainda com a participação de um casal de patinadores ucranianos e de uma coreógrafa chinesa que se juntou à trupe no Brasil especialmente para comandar a parte coreográfica do show. Pedro Nicolas explica que o diferencial deste espetáculo para o de outras companhias da China é a mistura dos elementos tradicionais chineses com orientais. “Nossa trilha sonora inclui canções conhecidas do grande público”, destaca. Os artistas chineses são conhecidos por sua disciplina e pela vida dedicada à arte. Alta-

mente treinados, eles vem vivendo uma rotina de apresentações nesta turnê. “O espetáculo por si já é um grande treinamento, que exige muito esforço e concentração”, diz o produtor Pedro Nicolas. O Circo da China On Ice foi criado há 15 anos e já se apresentou em todos os continentes. Em Vila Velha as apresentações vão acontecer nos dias 12, 13 e 14, com sessões às 16 e às 20h30. Os ingressos custam R$150 (cadeira ouro, inteira), R$100 (cadeira prata, inteira) e R$70 (cadeira bronze, inteira). Os ingressos estão à venda no site www.tudus.com.br, as lojas Metal Nobre Acessórios (Grande Vitória e Linhares) e Soft Modas (Guarapari).


2

Cultura

SEXTA-FEirA, 6 dE julho dE 2018 j www.EShojE.com.br divulgação

CIRCUITO CULT Márcia alMeida L cultura@eshoje.com.br

Pedra Azul recebe festival de jazz e blues O evento conta com a participação de dez artistas, entre eles um internacional, e promete receber público superior a quatro mil pessoas divulgação

Os melhores filmes eleitos pelo júri vão receber o troféu “catraca”, tradicional premiação do evento

Festival de cinema e TV recebe inscrições Séries voltam a fazer parte da seleção e premiação do Fecin, evento que vai movimentar muqui, em novembro Márcia alMeida cultura@eshoje.com.br

C

e rc a de 300 obras de curta-metragem e séries de TV, de várias partes do país, já estão inscritas para a sétima edição do Festival de TV e Cinema do Interior do Espírito Santo (FECIN), realizado em Muqui, maior sítio histórico do estado. As inscrições, gratuitas, seguem até o próximo dia 30 e podem ser realizadas por produtoras independentes e cineastas brasileiros no site da Caju Produções (https://bit.ly/2Jd0m63) onde o proponente poderá acessar o regulamento com as regras gerais da seleção. Previsto para novembro de 2018, o Fecin realizará duas mostras competitivas. Numa delas serão selecionados filmes de curta-metragem de até 15 minutos nos gêneros de ficção, documentário, animação, experimental ou híbrido finalizados entre 2016 e 2018. Na outra, que marca a retomada dos diálogos e mostras de TV, o festival selecionará episódios de séries ou pilotos inéditos nas categorias ficção, documentário e ou animação de até 13 minutos de duração, exibidos em grade nacio-

nal - aberta ou fechada - lançados entre 2015 e 2018, todos inéditos no evento. Os filmes selecionados pela curadoria serão exibidos no festival e os melhores filmes eleitos pelo júri receberão o troféu “Catraca”, tradicional premiação do evento. O FECIN é uma ação cultural de cunho cinematográfico realizada desde 2012 no sítio histórico da cidade de Muqui. O projeto foi criado no intuito de expandir o diálogo audiovisual capixaba promovendo seu fomento e valorização. O objetivo da iniciativa é potencializar o cinema em comunidades interioranas. Desde 2013 o evento reforça o conceito do IN, de INterior, também explorando temas como a INdependência, a INternacionalização, a INvenção, a INtegração, a INspiração, a INtrospecção, o INfinito, dentre outras palavras que reforçam o IN das criações humanas. Neste contexto temático, o FECIN este ano fortalece o conceito de Memória & Patrimônio. MeMÓria da cOr Inspirado nos trabalhos desenvolvidos pela artista multimídia Monica Nitz (ES), a nova edição do Fecin reflete sobre a memória

da cor, tema que ilustra não apenas a identidade visual do evento, como as ações de intercâmbio cultural protagonizadas por artistas e jovens em uma atividade de imersão artística que evidencia Muqui, seu patrimônio, a memória e as características socioculturais do município. Como as sete cores do arco-íris, o evento chega à sua 7ª edição quase como um fenômeno óptico: a luz da tela ilumina praças e ruas e faz olhos brilharem. Estendemos nosso olhar para a cidade como patrimônio, para o cinema e as relações entre eles. O Fecin é o único festival de cinema do interior do Espírito Santo realizado em sítios históricos preocupado em formar público e democratizar a cultura através da difusão de obras audiovisuais brasileiras, promovendo diálogos e formações. A memória do passado visual arquitetônico da cidade, mescla-se com as cores e multiplicidades da cultura popular: o Boi pintadinho e a Folia de Reis, manifestações culturais e folclóricas tradicionais do município, e se ressignificam com o olhar de quem chega na cidade, participa, integra e se apaixona por essa cultura de cores.

Vai acontecer nesta sexta-feira (06) e segue até domingo (08) o Pedra Blues & Jazz Festival, evento que vai reunir música, arte e boa gastronomia, no Centro de Eventos Morangão, em Pedra Azul, com entrada gratuita. Além disso, apreciadores de chocolate poderão degustar o doce ao som de bandas nacionais e internacionais, já que o Festival de Chocolate de Domingos Martins acontecerá nos mesmos dias e local do evento musical. Este ano o line up do Festival contará com dez artistas e bandas renomadas, sendo quatro do cenário musical capixaba, cinco nacionais e um internacional, o americano Darrel Nulisch, com um blues elétrico, gaita e voz diferenciada. Durante sua passagem por solo tupiniquim, o renomado artista estará acompanhado da dupla de irmãos guitarristas The Simi Brothers. Danilo e Nicolas Simi possuem juntos mais de 20 anos de carreira e participaram dos principais festivais de Blues e Jazz do Brasil. O Festival trará um vocal feminino, que tem conquistado o público fã do ritmo, principalmente por meio das redes sociais. Lucille Berce segue o estilo das grandes divas do jazz e, acompanhada sempre de excelentes músicos, a artista encanta muitas pessoas com sua voz bela e doce. Os consagrados artistas de Blues, Ney Conceição e Robertinho Silva irão se apresentar juntos trazendo os clássicos do blues para o festival. Os shows vão acontecer a partir das 19 horas. Na sexta-feira se apresentam a Sunrise Blues Band (ES), Zé Moreira (ES), Ney Conceição (RJ) & Robertinho Silva (RJ), Big Bat Blues Band (ES) e Taryn Szpilman e Banda (RJ). No sábado, Lucille Berce (SP), Dona Fran & Bluezones (ES), Blues Etílicos (RJ) e Darrel Nulish (EUA) &The Simi Brothers (SP). Já o domingo será marcado pelo Palco Livre.

amor e desamor

A crença no amor, que cria atitudes em prol da vida humana e da natureza, e a solidão provocativa do amor. É por esse caminho que a poeta Gisele Lemos, de pseudônimo Diana Balis, deseja que o leitor atravesse em seu novo livro: “Grave & Agudo. Poesias de Amor”.

O lançamento será no dia 11 de agosto, no stand da Perse Editora durante a 25ª Bienal Internacional do Livro de São Paulo. A obra recebe influências de autores consagrados como Gabriel García Márquez, Clarice Lispector e Carlos Drummond de Andrade.


3

SEXTA-FEIRA, 6 DE JULHO DE 2018 j WWW.ESHOJE.COM.BR

Social MÁRCIO GUIMARÃES-ALL LIVE

Bianca Coutinho bianca@eshoje.com.br

Veganismo presente também na cosmética Ser vegano é uma ideologia de vida, sem exploração animal, que vai além da reeducação alimentar. Para acompanhar essa mudança de hábito, Fernanda Passos, especialista de uma startup nacional, orienta como desenvolver e reconhecer produtos de beleza.

Chá com elas. Dalete Curcio, Aline de Castro e Rosilene Barcelos

Quem pretende se profissionalizar nesse ramo deve se atentar às substâncias que podem ser nocivas para a pele e/ou para o meio ambiente, como Lauril, Silicone, Petrolatos, Parabenos, Propilenoglicol, BHT e Triclosan. Há a crença milenar de que tudo que é natural é milagrosamente bom, porém, cuidado ao se tratar de óleos es-

senciais. Algumas substâncias podem desencadear convulsões em pessoas com epilepsia, ou grávidas podem ter contrações. A incidência de luz interfere e pode acabar inativando a mistura. Durante a produção, o recomendável é que seja feito em pote de vidro escuro ou cor de âmbar. DIVULGAÇÃO/ELO COMUNICAÇÃO

ROBERTA SOUSA-NO ROCK

Pano ideal para limpeza da casa

Thais Lopes com o marido, o cirurgião plástico, Adriano Batistuta e os filhos do casal, Alexandre e Letícia Novaes

For men. De acordo com um estudo realizado pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica, nos últimos cinco anos – de 72 mil para 276 mil, quadruplicou procedimentos ao ano em homens, principalmente ligadas ao rosto do paciente – facial, rinoplastia, pálpebra, correção de orelha de abano e aplicação de botox.

Gripes, resfriados, problemas de pele e até diarreias são provocados por milhões de bactérias que vivem no ambiente. Utilizar o mesmo pano ao invés de limpar o espaço contribui para a transferência de bactérias de um local para o outro. “As bactérias se espalham pelos ambientes, principalmente pelas mãos. A cozinha e o banheiro são os pontos da casa de maior incidência. Por isso, nessas áreas é imprescindível utilizar panos diferentes. Usar o mesmo material para limpar vários cômodos tornam as bactérias mais resistentes”, ressalta Artur Timerman, mestre em infectologia pela USP.

Capixaba pé quente! Vitor Frauches deu sorte no último jogo e nesta sexta-feira vai prestigiar a partida do Brasil contra a Bélgica, na Arena Kazan, na Rússia

DIVULGAÇÃO-REZENDE COMUNICAÇÃO

Horizontes. Referências quando os assuntos são direito de família e do consumidor, as advogadas Flavia Brandão e Heloisa Dalla se uniram e vão inaugurar novo escritório, em Colatina. "É o momento perfeito para ampliarmos os nossos horizontes de mercado", pontua a dupla. Musical. Após a descobrir novos talentos para o musical de Hair - Um Sonho de Liberdade, que estará de volta ao palco na próxima semana, a Faculdade de Música do Espírito Santo iniciará, em agosto, os testes de cantores para uma nova produção: “Jesus Cristo Superstar”. Jeans solidário. Carol e Ricardo Lobato promovem a campanha do agasalho "fora da caixa". Clientes podem trocar jeans usados por descontos, entre os dias 7 e 15 deste mês, na loja dela, que serão doados para o bazar permanente da Acacci. O happy hour de lançamento será na flagship da Praia do Canto, dia 12. Feliz aniversário: Wesley Telles, Wagner Rossoni, Margareth Brício e Rodrigo Ferreira Netto (6); Ludmila Dasilio, Juliana Martha Neves, Hinglyd Fonseca, Michael Arcanjo e Sarah Barbosa (7); Elaine Schulz (9); Patrícia Arruda e Milena De Paula Rebello (10); Mauricio Rebello, Biana Ribeiro, Josué de Oliveira, Lícia Arantes, Gabriela de Mello (11); Patrick Monteiro, Ari Cardoso e Bernardo Scaramussa Bergi (12).

Tarde de festa na Mata da Praia. Rivelino Amaral e sua Amanda Bravim


4

Programa-se

SEXTA-FEIRA, 6 DE JULHO DE 2018 j WWW.ESHOJE.COM.BR PAULO ROBERTO

COLUNA DO VINHO CAROLINA CORREA L carolina.coribeiro@gmail.com

Expovinhos celebra uma década de sucesso Nesta coluna vamos falar sobre o evento que aconteceu em Vitória e se consolidou como um dos mais importantes do Brasil DIVULGAÇÃO

Diego Lyra, Elaine Rowena e Angelo Jantorno formam o trio central da trama, com elenco de 70 artistas

Musical de volta ao palco do Sesc Glória Hair – Um Sonho de Liberdade vai misturar vozes e performances. Apresentação será no dia 12 de julho

A

  temporada de muito sucesso, “Hair – Um Sonho de Liberdade” vai regressar ao Centro Cultural Sesc Glória, no próximo dia 12, às 19h30. Em cena, a mistura de vozes e performances. O musical, realizado pela Faculdade de Música do Espírito Santo (Fames), retornacom novos talentos, arranjos, figurinos, adereços, efeitos e projeções. Entre cantores e bailarinos, estarão em cena 70 artistas. O músico e cantor Diego Lyra é uma das novas atrações, representando George Berger. Angelo Jantorno permanece como Claude Hooper Bukowski, assim como Elaine Rowena interpretando Sheila Franklin. “Os novos cantores que estarão em cena passaram por um teste rigoroso. Estamos com ensaios intensos desde março", diz Rowena. Estão confirma-

das a participação da Cia de Balé Vitória Street Dance e o Circo do Céu”. A preparação vocal do evento ficou por conta de Pablo Vasconcellos, enquanto Jennifer Ayres coordenou o coro. As coreografias são de Lalau Martins. Regina Schimitt, Peujor e Ivan Aguilar criaram os figurinos. A banda é composta por Vandaluz Junior (piano e teclados), Júnior Toniato (bateria), Caio Matos (contrabaixo elétrico) e Ique Pellizzer (guitarra elétrica). HISTÓRIA Fruto da contracultura hippie e da revolução sexual dos anos 60, o musical mostra a história do jovem Claude Hooper Bukowski, que é convocado para a Guerra do Vietnã, e seus amigos George Berger – modelo de liberdade – e a ativista política Sheila Franklin.

Este trio central da trama movimenta as ações da chamada “Tribo”, uma comunidade de hippies cabeludos que viviam em Nova Iorque e lutavam pela liberdade, igualdade e paz, acreditando na chegada da “Era de Aquário”. ‘Hair’ é um dos maiores clássicos da Broadway. Foi escrito por James Rado e harmonizado musicalmente por Galt Macdermont. Estreou em 1968 e, desde então, se tornou um fenômeno. Em 1979, uma releitura dirigida por Milos Forman chegou às telas de cinema. A fames também levará “Hair – Um Sonho de Liberdade” ao Festival de Domingos Martins, no próximo dia 16, às 20h, no palco principal do evento. Os ingressos para a apresentação em Vitória custam R$10 (inteira) e R$5 (meia entrada) e estão à venda na bilheteria do Centro Cultural Sesc Glória.

Cerca de 1200 rótulos de 17 países foram expostos no evento O Centro de Convenções de Vitória recebeu, nos dias 27 e 28 de junho, a décima edição da tão aguardada Vitória Expovinhos, maior feira do estado nesse segmento, realizada com o propósito de fomentar o comércio da bebida e proporcionar aos curiosos e apaixonados mais conhecimento e oportunidade de apreciar muitos produtos, não se limitando apenas ao vinho, mas também a bebidas como cerveja e cachaça, além da gastronomia. A feira teve uma programação variada, com os tradicionais cursos básico e avançado de vinho, com Célio Alzer, e palestras com produtores e enólogos, como o português Carlos Lucas, que falou sobre a evolução e história da Touriga Nacional, Héctor Andrés S. Moreno com o tema Carmenére em Chile, Flávio Pizzato falando do Merlot e Maria Eugênia Sampedro com seu Faustino. Cerca de 1200 rótulos de 17 países foram expostos e 30

vinhos foram eleitos através do concurso do Top Five, como os melhores da feira desse ano. Essa avalição é feita por 14 jurados que, às cegas, pontuam os vinhos através de aroma, textura e sabor, elegendo cinco vinhos destaque em seis categorias: tinto novo mundo, branco novo mundo, tinto velho mundo, branco velho mundo, espumante e sobremesa. Desta lista, pra mim, entre os que se destacaram, estão o nacional Pizzato Gran Reserva Legno Chardonnay, Apaltagua Reserva Chardonnay, La Meuliere Chablis, Espumante Vértice Milésime, Cadão Moscatel, Porto Ceremony 20 anos, Vittoriale Montepulciano D’Abruzzo Premium, Faustino I Gran Reserva, Storia Merlot e Cousino Macul Finis Terrae Blend. Agora é aguardar ansiosamente 2019 e as surpresas maravilhosas que a próxima edição do evento terá para nos apresentar. Tim tim!


5

SEXTA-FEIRA, 6 DE JULHO DE 2018 j WWW.ESHOJE.COM.BR

Moda

Lorena Vago

lorena@eshoje.com.br

Pés de Cinderela

FOTOS: DIVULGAÇÃO

É isso mesmo, prepare-se para incluir um sapato transparente no seu armário! Febre absoluta entre fashionistas, blogueiras e celebridades, os calçados que revelam os pés são a nova obsessão do mundo da moda. A sandalinha de cristal foi febre nos anos 2000 quando todas as jovens e antenadas tiveram uma peça no armário. Os saltos e tiras transparentes fizeram a cabeça das consumidoras e, se você não teve uma, deve ter sido uma das poucas exceções. Muitos anos se passaram, o item virou ultrapassado e chegou a causar calafrios em muitos. Mas a transparência voltou, atingindo outros calçados muito além da sandália com saltinho de cristal. Botas, sapatos e flats ganharam as coleções de muitas marcas, nacionais e internacionais na temporada passada. Chanel,

Amaro

Dolce & Gabbana, Louboutin, Melissa, Schutz, são alguns exemplos que comercializam os pares. A primeira celebridade e ícone fashion a reacender a moda foi Rihanna. Em seguida, Kim Kardashian surgiu com um modelo de bota over the knee transparente. A modelo Hailey Baldwin também fez sua aparição com os pés completamente “à mostra”. Por aqui, a cantora Anitta surgiu com uma bota de cano curto. Apesar de a tendência não agradar a todos, provavelmente você irá se encantar por uma peça!

Spot shoes

Josefina Rosacor

Schutz

Melissa

Renner

Nuts em forma de creme

O Boticário foi buscar inspiração no poder de hidratação e no cheirinho das nuts para lançar sua nova linha Cuide-se Bem Castanhita. A novidade é inspirada em uma mousse de castanha portuguesa e toda a sua cremosidade para gerar sensação de conforto e aconchego para pele. A nova linha traz loção hidratante, creme para as mãos, desodorante antitranspirante, sabonete em barra e body splash.

QLOIRA!

A Griffus Cosméticos ouviu as loiras de todo o Brasil para lançar a linha QLOIRA a partir dos hábitos de consumo dessas mulheres. Apoiada na tecnologia ReparAge®, a marca apresenta produtos como matizadores e desamareladores para uma reparação profunda dos fi os, que ficam até 27% mais brilhantes a partir do uso regular.

#MOBNAYARIT

Chanel Verão 18

Abusando das cores quentes, texturas e fluidez, a MOB embarcou para um visual paradisíaco para estampar a campanha especial de Verão. Dessa vez o destino escolhido foi Riviera Nayarit, no México. Quem estrela a campanha é a atriz Giovanna Lancelotti. Aqui no Estado a marca retorna neste próximo Verão, representada pelos empresários Thiago e Beth Louzado, da ForFashion.


6

SEXTA-FEIRA, 6 DE JULHO DE 2018 j WWW.ESHOJE.COM.BR

Palcos e Atores cacaumonjardimphd@yahoo.com.br L

Cacau Monjardim

H

FOTOS: DIVULGAÇÃO

á muitos e muitos anos, a então Ferrovia Leopoldina, de saudosa memória, ligava o Espírito Santo ao Rio de Janeiro, numa viagem empoeirada, mas profundamente alegre, como elo entre os municípios por onde passava, gerando paradas e provocando pelo espírito saudável da confraternização, generosos reencontros. Ficou no passado, descarrilhada e empurrada sob interesses financeiros e industriais que então apostavam na inoportuna e adiável expansão rodoviária. Com sua paralisação surgiu um projeto de recuperação e modernização de sua malha ferroviária, passando a ser conhecido como Ramal Ferroviário Santo Eduardo a Vitória, integrando, conforme declarações feitas pelo General Adolpho Manta, então presidente da Rede Ferroviário Federal, a grande prioridade de sua administração. O tempo passou e ganhamos apenas a "manta".

Espera

Nos últimos quarenta anos o velho projeto ficou só na promessa, ganhando “apenas prioridades eleitoreiras”, distanciadas matreiramente e efetiva implantação. Recentemente, ganhou o nome de Ferrovia EF-118, passando a integrar os projetos logísticos de transporte da região sudeste beneficiando o complexo ferroviário de importação e exportação do Espírito Santo, Rio de Janeiro e Minas Gerais, com imediatos reflexos na própria economia nacional. Comemoramos o anúncio oficial que colocava sob a responsabilidade da Vale S/A, em troca da renovação do contrato de exploração da Ferrovia Vitória-Minas, cuja concessão estaria encerrada em 2026, a responsabilidade de execução da ferrovia, destacando os novos ramais para Presidente Kennedy e para o Porto de Açu.

Confirmação

O presidente Temer, durante a inauguração, em março deste ano, do Aeroporto de Vitória, declarou que na sua administração estava garantida a execução da obra e mantidos os entendimentos contratuais bem sucedidos entre a Vale e o Governo. Tal declaração foi recebida com euforia por todos os capixabas.

Surpresa

Esta semana, estranhamente, a mídia nacional passou a divulgar que setores politicamente influentes na área oficial, estão tentando priorizar em detrimento do projeto da Ferrovia EF-118, em favor da Ferrovia centro-oeste entre Mato Grosso e Goiás, colocando em risco a incontornável viabilidade e importância econômica imediata da nossa ferrovia. Esta terrível rasteira política é uma tremenda ameaça ao processo de desenvolvimento do Estado e precisa ser combatida com energia por todos os capixabas, sendo de destacar a posição corajosa do governador Paulo Hartung e a solidariedade sem coloração político partidária das nossas bancadas federais.

Turismo

Um dos mais elogiáveis projetos de informatização e troca de experiências entre voluntários estrangeiros e os estudantes de nossas escolas têm conquistado excelentes resultados. Trata-se do Grupo Voluntários de Turismo, que reúne estudantes estrangeiros que destinam seus períodos de férias a cursos rápidos de integração e convivência com nossos estudantes. É um projeto de

Vacinação

O Ministério da Saúde e todos os centros médicos do país estão preocupados com os baixos índices de vacinação contra a paralisia infantil e agora mais recentemente com esta epidemia de sarampo que está descendo do Acre e Rondônia para o resto do país, já tendo chegado ao Rio de Janeiro. Eram doenças que estavam erradicadas e

muita sensibilidade, pois se integra como parceiros, inclusive na execução de necessidades comunitárias, priorizando o nivelamento de um esforço comum gerando precioso padrão de comportamentos educacionais, sociais e humanos nas grandes periferias. O Espírito Santo abraça esta sadia iniciativa, hoje uma preocupação internacional de ONGs, entidades religiosas e universidades.

que dão sinais de retorno, preocupando as nossas famílias. Existem vacinas para ambos os casos em todo o país, o que precisa existir, com responsabilidade, é a utilização das entidades federais, estaduais e municipais que estão prontas para aplicar a vacinação em massa daqueles que até hoje têm fugido dos postos de saúde.

Guarapari

A entrevista concedida na última semana pelo prefeito de Guarapari, Edson Magalhães, causou uma grande repercussão nas redes sociais. Ele declarou que a cidade está experimentando um acelerado processo de desenvolvimento, incluindo com marinas, canal de acesso para os pescadores, novo mercado e de imediato assinou esta semana a ordem de serviço para construção do Hospital Saúde Cidade de Guarapari, na Praia do Morro. Na referida entrevista está a declaração do prefeito que transformaria Guarapari num “Principado de Mônaco”... fica faltando apenas reabrir o antigo cassino do Radium Hotel.

No aeroporto de Vitória Temer confirmou EF-118. Agora, pressionado, não deve recuar


7

SEXTA-FEIRA, 6 DE JULHO DE 2018 j WWW.ESHOJE.COM.BR

Sabor ES

Mirka Garmendia

Porque comer com prazer é ainda melhor!

sabores@eshoje.com.br

Canjiquinha é gostosa, alimenta e aquece

Em muitos estados brasileiros o alimento é um prato típico bastante consumido durante as festas juninas. Pode ser preparado com carne de porco, boi e até frango, em versão light. É servido acompanhado de couve picada fina.

DIVULGAÇÃO

Canjiquinha, quirera de milho ou pela égua. Trata-se de uma iguaria brasileira típica de Minas Gerais, constituída de milho triturado grosseiramente, cozida com carne de porco (geralmente costelinha) e temperos caseiros e que normalmente é servida acompanhada de couve picada fina, refogada ou com pimenta. Há ainda variações (bem menos comuns) feitas com carne bovina, frango ou linguiça. A receita de hoje é de origem mineira, porém muito apreciada em algumas cidades brasileiras, principalmente em dias frios. Em alguns lugares é um prato típico bastante consumido durante as festas juninas. Antes de falar um pouco mais sobre a receita, registro: o interessante é que esse mesmo prato é preparado da mesma forma, mas, muitas vezes, com diferentes ingredientes de uma cidade pra outra. E, como não poderia deixar de ser, também inovei, ou melhor, ousei um pouquinho e substituí o ingrediente principal, a quirera, por canjica amarela, também conhecida como mugunzá. Na época do Brasil Colônia, a canjiquinha era considerada um alimento

sem valor, pois vinha das sobras do milho. Quem a consumia eram os pobres e os escravos. Foi um prato bastante consumido pelos tropeiros, principalmente por ser uma receita rústica. Se antes era elaborada com ingredientes baratos, atualmente está mais aprimorada. Originalmente não leva paio, mas eu resolvi acrescentar este ingrediente para dar um ar mais picante ao paladar. Muitas vezes também opto por uma versão light e utilizo o peito de frango cortado em cubos em vez da carne de porco. Por ser preparada com legumes, esta receita contém vitaminas A e do complexo B e C. Já o milho, que é um cereal nobre e de elevado valor calórico, também contém vitaminas, gorduras, carboidratos, cálcio, ferro, fósforo, cobre, zinco, enxofre, magnésio e manganês. A carne que é adicionada à canjiquinha é rica em proteínas essenciais para manter a estrutura e funcionamento de todos os organismos vivos. Entre outras coisas, as proteínas regulam a contração muscular, produção de anticorpos, expansão e contração dos vasos sanguíneos para manter a pressão normal.

Prato é uma iguaria brasileira típica de Minas Gerais, constituída de milho triturado

PELA ÉGUA

Ingredientes w½

quilo de canjiquinha amarela (mungunzá) w 600 gramas de costelinha de porco fresca w 200 de costelinha de porco defumada w 100 gramas de lombo de porco fresco w 1 paio w ½ xicara de óleo vegetal w 1 cebola grande cortada

w2

dentes de alho em lascas w C e pimenta dedo de moça para enfeitar o prato w P

Modo de Preparo w D

a c an j i q u i n ha d e molho por meia hora na panela em que ela será cozida. Coloque para cozinhar até ficar macia. Numa

panela grande, refogue a cebola e o alho. Quando estiverem dourados frite as costelas frescas até soltar bastante gordura e o lombo até dourar bem. Por fim coloque as costelinhas defumadas e o paio. Adicione a canjiquinha com a água do cozimento e vá acrescentando mais água e mexendo até ficar um cal-

do bem cozido. Sirva com cebolinhas picadas e pimentas vermelhas. w D #1: Você também pode optar pela panela de pressão, pois o cozimento é mais rápido. Assim, pode refogar a cebola, o alho, fritar as costelas e o lombo até dourar bem. Após acrescentar as costelas defumadas e o paio, refogue

junto a canjiquinha e complete a panela com água, pelo menos até a metade. Tampe e deixe cozinhar. w D #2: A canjiquinha incha bastante durante o cozimento. É importante ficar atento ao nível da água caso opte pela panela de pressão. Coloque, no mínimo, água pela metade da panela.


Política

PUBLICAÇÃO LEGAL

EDITAIS • COMUNICADOS • BALANÇOS • CONVENÇÕES • PRESTAÇÕES DE CONTAS SEXTA-FEIRA, 6 DE JULHO DE 2018 j WWW.ESHOJE.COM.BR j ESHOJE@ESHOJE.COM.BR j ANUNCIE: (27) 3395-1800

1

VENDO

Imóveis, Automóveis, diversos

GRANDE VITÓRIA

TROCO casa, Vila Garrido – escadaria, 2 quartos, sala, cozinha, banheiro, SEM garagem, SEM escritura. 45 mil – 27997012376. VENDO / TROCO casa, Vila Garrido – escadaria, 2 quartos, sala, cozinha, banheiro, SEM garagem, SEM escritura. 45 mil – 27-997012376. VENDO casa, Vila Garrido – escadaria, 03 quartos, sala, cozinha, banheiro, varanda, quintal, SEM garagem, SEM escritura. 17 mil – 27-997012376. VENDO apartamento, quarto, cozinha, banheiro, varanda, sala, área serviço, reformado, Santo Antônio, frente Santuário, com recibo, 99603-7548 vivo VENDO Terreno Darli Santos VV, lado Gaivotas, 12m x 24m, comercial/residencial, rua asfaltada, documento em dia, plano/murado, aceito troca veículo R$85.000,00. 99812-2897 vivo. VENDO Imóvel 520m2, esquina, frente Av. Maruipe, laje, pé direito duplo, afastamento estacionamento 10 veículos, escriturado, área construída 290m2, legalizado, frente 25m. 99812-6199 vivo whatsapp. Vendo casa Alagoano – começo escadaria, sem escritura, sem garagem – 5 cômodos – 75 mil Vendo J.Penha Kitnet, elevador, garagem, 180 mil 99973-1001. Vendo J.Penha 3 qts/Ste, elevador, varanda 460 mil 9-9989-1243. Vendo J.Penha 2 qts Conjunto / Varanda, 250 mil 9-9989-1243 Seja um franqueado. Faça parte da maior rede de chocolates finos do mundo. Passamos o ponto: Av. Presidente Vargas, 137 - Centro Fundão. Tel.: 11 94350-2770 Nayane Vendo Casa – Caratoíra (Vitória) – 1º pavimento (começo escadaria) - 02 quartos, sala, cozinha, banheiro e quintal. Sem escritura e sem garagem. R$75 mil ou R$60 mil + parcelas – 99865-0734 Vendo Apartamento – Jardim da Penha – 70m² , 2° andar, 03 quartos com armários, dept de empregada e garagem – Ed Cataurus – Atrás do Sup. Epa – 99527-0404 Vendo Apartamento – Jardim da Penha – 90m² , 03 quartos, Suíte, elevador,

varanda e Vaga. Próximo ao Bicho Guloso - Estudo troca em imóvel de menor valor. 99989-1243/3071-0527 Vendo Apartamento - Jardim da Penha - 02quartos c/ suíte, varanda, elevador, 01 vaga, bicicletário, salão de festa com churrasqueira - prox. ao Sesi – R$ 355 mil - 99973-1001/3084-5182 Vendo Apartamento - Jardim Camburi – 03 quartos c/ suíte, varanda, elevador, ampla área de lazer - prox. a Vale – R$ 290 mil - 99989-1243/3071-0527 Vendo Apartamento – Jardim Camburi - 02 quartos, 1 banheiro social, elevador Sol da Manhã, 01 vaga, 2 quadras do mar - R$ 245 mil.. 99973-1001/3084-5182 Vendo - Telas pintadas à óleo - com temas florais de vários tamanhos e valores. Angel Art 999231 3143. Vendo Casa – Vila Garrido (Vila Velha) – 2ª pavimento (começo da escadaria) – 02 quartos, sala, cozinha, banheiro, copa, varanda e terraço – R$ 44 mil ou troca por outro imóvel – 99701-2376 Vendo Apartamento – Jardim da Penha – Ed Centaurus - 2° Andar, 03 quartos, armários, garagem, dependência de empregada – Atrás do supermercado EPA – R$280 mil. 99527-0404 Vendo Apartamento – Jardim da Penha– 03 quartos, suíte, armários, elevador, varanda e Vaga. Próximo ao Banco Banestes –Estudo veículo como forma de pagamento. 99989-1243/3071-0527 Vendo Apartamento – Jardim da Penha - 02 quartos, Suíte, armários, elevador, varanda, piscina e 01 Vaga. Próximo ao Bicho Guloso -99973-1001/3084-5182 Vendo Apartamento – Jardim Camburi – Amplo, 03 quartos, Suíte, armários, 02 elevadores, varanda e 02 vagas. Próximo ao Shopping Norte Sul -999731001/3084-5182 Vendo 2 camas de madeira (1casal-R$170 e 1 solteiro-R$100) – 992313143 Vendo 02 Casas – Bairro de Lourdes –

03 quartos - R$ 590 mil ou troco por apto em Jardim Camburi – 999891243/3071-0527 Vendo Casa – Paul (Vila Velha) – Parte alta, simples com telhas eternit – 03 quartos, sala, cozinha, área, copa, sem garagem e sem escritura. R$40 mil ou troca por outro imóvel. – 9.997604724 9.99004470 Vendo Apartamento - Praia do Canto 02 quartos, 01 suíte, armários, varanda, andar alto, 01 vaga, lazer, porteiro 24 h. 99989-1243/3071-0527 Vendo Apartamento - Jardim da Penha - 02 quartos, 02 banheiros, varanda, sem elevador. R$ 248 mil - 999731001/3084-5182

COMUNICADO O CENTRO DIAGNÓSTICO MOLECULAR, torna público que REQUEREU da SEMDESU, através do Proc. Nº 37998/2018, a Licença LMAR, para atividade de "Laboratórios de análises clínicas...", Cód. 23.02 (I), na localidade de Av. Champagnat, nº 583, SALA 707, Praia da Costa, Vila Velha – ES. COMUNICADO COMERCIAL VALOTTO LTDA, torna a público que obteve da SEMDESU, a LMAR 085/2018 através do processo nº45664/2017, para atividade de Açougue, COD 12.21, na localidade AV Jerônimo Monteiro, nº252, Paul, Vila Velha- ES. COMUNICADO A CONSTRUBLOCK INDUSTRIA E COMÉRCIO LTDA - ME, torna público que está requerendo junto ao IEMA, através do processo no 23617420, a Licença de Operação Corretiva (LOC), para a atividade de “condomínio residencial”, na localidade da Rod. ES 010, Praia Grande, no município de Fundão - ES.

SERRANO DISTRIBUIDORA S/A. CNPJ Nº. 09.397.586/0001-44 NIRE Nº. 32.300.034.063 Resumo da Ata da Assembleia Geral Extraordinária realizada em 24/05/2018. Assembleia Geral Extraordinária da Serrano Distribuidora S/A, instalada com a presença de acionistas representando a totalidade do capital social, independente de convocação. Realizou-se ás 10:00h no dia 24/05/2018, na sede social, em Serra, ES, na Av. Eudes Scherrer de Souza, 2001, CJ Empresarial Murundu, Galpão 09, Parque Residencial Laranjeiras, CEP 29.165-680. Na conformidade da ordem do dia, a seguinte deliberação foi tomada, por unanimidade dos votos: consignar a renúncia do Sr. Claudio Galeazzi, ao cargo de membro do conselho de administração da companhia. O referido cargo de membro do conselho de administração permanecerá vago para o futuro e oportuno preenchimento pelas acionistas presentes. Os termos desta ata foram aprovadas pelas acionistas presentes, que a subscrevem. A ata foi arquivada na Junta Comercial do ES, sob protocolo de nº. 18/212.687-0 de data de 28/06/2018 e registro sob o nº 20182126870 em 28/06/2018.

Pra que gastar tanto com publicidade legal?

COMUNICADO “DI MAIS MOTOS" torna publico que Requereu da SEMDESU, através do processo nº 33740/2018, Licença LMAR, para atividade de oficina mecânica com manutenção de motores, COD 05.07N na localidade de Alecrim, Rua Ana Siqueira, nº491 – Vila Velha – ES.

COMUNICADO “REAL MINAS FUNDO DE INVEST. IMOB. FII”, torna público que OBTEVE da SEMDESU, através do Proc. Nº 14.985/2018, as Licenças 004/2018 LMP e LMI, para a atividade de “TERRAPLENAGEM”, COD. 18.07(N), na localidade de Rod. Darly Santos, n°0, Jardim Asteca, área 1A, 1B e 1C, CEP 29.104491 município de Vila Velha – ES.

COMUNICADO FLASH METALURGICA torna público que Requereu da SEMDESU Licença LMAR, através do processo nº 36475/2018 para atividade de serralheria, COD 20.01 na localidade de Cobilândia, Rua Castelândia, nº111 – Vila velha – ES.

COMUNICADO SAMEDIL SERVIÇOS DE ATENDIMENTO MÉDICO S.A , torna público que requereu da SEMDESU, através do processo 39053/2018, Licença LMAR para atividade de Unidade básica de saúde com procedimento cirúrgico, cód 23.05 (l), na localidade de Av Jeronimo Monteiro nº 18, Olaria, Vila Velha ES.

COMUNICADO JARBAS DE SOUZA PIMENTEL, torna público que requereu da SEMDESU, através do Processo nº 36298/18, Licença LMAR, para atividade de 0FICINA MECÂNICA, COD. 5.07 (I), na localidade da Rua Trinta e Três, Nº 312, Santa Mônica Popular - V. Velha/ES. COMUNICADO “NASIRC MOREIRA CAMARGOS, torna público que REQUEREU da SEMDEC – SUB-MA, através do processo N° 24998/2018, a LICENÇA AMBIENTAL PRÉVIA e de INSTALAÇÃO, para atividade de TERRAPLANAGEM E CONSTRUÇÃO DE GALPÃO, na localidade Rua COPACABANA, Lote 20 e 21, Quadra I, Bairro Morada Campo Grande II, no município de Cariacica-ES.” COMUNICADO "POSTO CHIABAI LTDA", torna público que obteve da SEMDEC/SUB-MA, através do processo n° 10975/2012 a Licença LO n°05/18, para posto revendedor de combustível e troca de óleo de veículos, na localidade de Rua Gabino Rios, n 89, Boa Sorte, Mun. de Cariacica/ES.

COMUNICADO SHOPPING DAS PEÇAS DESMONTAGENS E COMÉRCIO DE PEÇAS USADAS LTDA torna público que obteve da SEMDEC /Cariacica, através do Processo Nº. 10216/2014, a Renovação da Licença Ambiental de Regularização, LAR – SEMDEC – GFA / N° 34/2018, para a atividade de Triagem e Armazenamento Temporário de Materiais Sólidos Reaproveitáveis Contaminados ou Não com Produtos ou Resíduos Perigosos, incluindo Ferro - Velho, na Rua Groelândia, 01, Bairro Jardim América, no Município de Cariacica/ES. COMUNICADO TBS BRASIL INDUSTRIA E COMERCIO LTDA ME, torna público que Requereu da SEMDESU, através do processo n° 38017/2018, Licença LMAR, para ATIVIDADE DE FABRICAÇÃO DE ARTIGOS ESPORTIVOS, COD. 17.11(I), na localidade de RUA HORIZONTE, RESIDENCIAL COQUEIRAL, N° 75, CEP: 29.102-845, Município de VILA VELHA – ES.

COMUNICADO "POSTO REDE VAX LTDA EPP", “CNPJ n° 29.832.907/0001-07”, torna público que OBTEVE da SEMMA, através do processo n° 33554/2018 a Licença LMP n°017/2018 para atividade de “POSTO REVENDEDOR DE COMBUSTÍVEIS”, na localidade de Rua das Rosas, n° 111, Feu Rosa, Município de Serra-ES.

COMUNICADO TONIATTO COMÉRCIO DE PEÇAS EIRELI torna público que requereu da SEMDEC/SUB-MA Cariacica, ES a Licença Municipal de Regularização (LMR) para atividade de COMÉRCIO A VAREJO DE PEÇAS E ACESSÓRIOS USADOS PARA VEÍCULOS na localidade de Vila Capixaba, Município de Cariacica-ES.

COMUNICADO “R I L LOPES EIRELI”, torna público que REQUEREU da SEMDESU, através do Proc. Nº 39083/18 a licença LMAR (LMS) para a atividade de “açougue” (COD. 15.14(N)), na localidade da Av. Vitória, n.1244, loja 01 e 02, Bairro Riviera da Barra, Município de Vila Velha - ES.

COMUNICADO VITESSE VEICULAR, torna público que Obteve da SEMDESU, através do processo n° 59209117, Licença LMAR, para atividade de LAVA RAPIDO, 20.03(N), na localidade da Glória, Rua São João nº357 CEP: 29.122050, Munícipio de VILA VELHA - ES.

Balanços, Atas, Editais e Comunicados no menor custo do mercado? Solicite seu orçamento. E-mail:  bianca@eshoje.com.br ou ligue para (27) 3395-1800

Jornal ESHOJE_704  

O jornal aderiu a campanha Social #JulhoVermelho a fim de aumentar as doações de sangue

Jornal ESHOJE_704  

O jornal aderiu a campanha Social #JulhoVermelho a fim de aumentar as doações de sangue

Advertisement