Page 1

www.eshoje.com.br DIVULGAÇÃO

Vitória, 2 de fevereiro de 2018 J Ano XVII J Nº 682 J Edição Gratuita Semanal

Riqueza nas mãos de poucosj6

POLÍTICA

Deputados definem seus candidatosj7

TATI BELING/ALES

COLUNA

ESHOJE

Fundado em 19 de julho de 2000 por Carlos Roberto Coutinho

ESHOJE2

Prepare-se, pois o ano começouj3

Sinal verde para o desfile das escolas de samba no ES

Dezoito agremiações da Grande Vitória desfilarão nesta sexta-feira (2) e sábado (3), prometendo grandes espetáculos e muita animação no Sambão do Povoj4 e 5

POVO

MUITA CHUVA E INVESTIMENTOS CONTRA A CRISE

j3

As chuvas que atingem o Espírito Santo não conseguem realizar a recarga hídrica nos rios capixabas, que operam com a vazão no estado de atenção ou no crítico


2

Opinião

SEXTA-FEirA, 2 dE FEvErEiro dE 2018 j www.EShojE.com.br

fOTO DA SEmAnA

ESPAÇO DO LEITOR reprodução

Carnacolatina 1

o prefeito de colatina, Sérgio meneguelli, anunciou que não vai ter carnaval na cidade para economizar 200 mil reais e investir em outras áreas. mentalidade tacanha de um prefeito relativamente (não totalmente) populista. A Prefeitura economiza e deixa de arrecadar muito mais em impostos gerados pela festa. Hayner Castello Faria Santos

Carnacolatina 2

Vitou "meme" de internet a obra que se arrasta sobre a Findes e o risco de tudo virar farmácia

EDITORIAL

Quais impostos municipais são gerados pelas festas? Não existem impostos municipais gerados pelo carnaval. Taxas talvez... mas são irrisórias diante do que a prefeitura de colatina vai economizar agora e depois ao ter que reparar os danos que sempre são causados ao passeio público nessas festas. Emanuelle de Freitas

Abram alas para 2018

Carnacolatina 3

Sinal verde para a folia. É o que mancheta a edição desta semana. Mas, foi dada a largada não só para a temporada de carnaval, mas de campanha eleitoral. Preparemos-nos, porque 2018 será de muita coisa e nenhuma delas pode fazer curtina de fumaça para o que mais importa. Não podemos nos enganar para o que vem por aí: depois do carnaval, temos uma série de feriados, eleições, Copa do Mundo. E, entre uma ocasião e outra, muitos debates que vão mexer com a vida de toda sociedade brasileira. Quantas vezes nos pegamos ouvindo, pensando ou até falando "não aguento assistir aos jornais" seja lá por qual motivo? Alguns deixam de se informarem, por conta da bandalheira que virou a política e a economia brasileira. Outros pela violência, cada dia mais desmedida. Mas, a tudo devemos estar atentos, porque só informados é que podemos discutir e refletir. Tudo isso vai interferir nas decisões, sobretudo na hora do voto. Se para muitos o ano começa apenas após o carnaval, para os que comandam o país tudo é uma continuidade, os dias não param e as articulações são constantes. Brasileiro desinformado, é eleitor que mantém no poder quem não merece sequer o voto de confiança. E, enquanto formos assim, enormes e sofridas seguirão as filas nas unidades de saúde e hospitais públicos. E ainda escolas sem vagas, pessoas desem-

A opinião dos colunistas não reflete o posicionamento do veículo

pregadas e verba pública cada dia mais desviadas. Nesta edição falamos do desfile das escolas de samba da Grande Vitória, que após muita briga judicial e disputa de ego, será realizada no Sambão do Povo. As ligas não se entendiam, e o Ministério Público estadual precisou interferir. Esperamos e desejamos que nos final de tudo a festa seja linda, que o dinheiro dos contribuintes tenha sido bem investido. Falando em investimento do bem, o leitor verá ainda que não bastam as chuvas para que a situação hídrica seja resolvida no Espírito Santo. Os rios estão secando e a população continua não se dando conta da sua responsabilidade. Naturalmente que não se pode culpar a população, porque o poder público tem a maior parcela da responsabilidade. Mas é um jogo coletivo, onde todos precisam fazer a sua parte.

Boa Leitura! Boa semana!

tiragem: 5.000 exemplares circulação: Grande vitória e digital periodicidade: Semanal

diretor geral carlos roberto coutinho carlos@eshoje.com.br

rua Paschoal delmaestro, 260 Ed. vila da Praia, Sl. 5 e 6 - jardim camburi - vitória - Espírito Santo cep. 29.090-460 Tel. 27 3395-1800/Fax. 3395-1801 www.eshoje.jor.br redacao@eshoje.com.br

diretora administrativa bianca coutinho bianca@eshoje.com.br

Parabéns. carnaval também seria direito do povo, mas no meio de tantas dificuldades tem que priorizar áreas principais como saúde (muito desvalorizada), educação e segurança. Ana Lúcia Machado

Carnacolatina 4

onde foram parar os investimentos com a copa do mundo?! Se alguém puder responder eu agradeço. o que se viu é se vê é o desperdício do dinheiro público em obras faraônicas de estádios de futebol, em lugares que o esporte nem menos é prestigiado. E por não falar nas obras ditas acabadas, sem infraestrutura, nada funcionava etc... É o país agora no caos da economia. Saúde sem comentários. Falar de carnaval, onde os índices de violência, drogas e prostituição são exorbitantes, é querer ser "Alice no país das maravilhas". vamos abrir os olhos para a realidade. o brasil está desacreditado por tanta cor-

rupção, por se mostrar uma terra sem lei. Se com esses 200 mil reais o prefeito de colatina conseguir garantir um mínimo de remédios e materiais básicos que uma unidade de saúde e pessoas com doenças crônicas precisam, já me dou por satisfeita. Sem carnaval, mas com pessoas livres de sofrimentos. Parabéns ao prefeito, um excelente exemplo a seguir. Andra Martini

O ano começou

Será que agora a população capixaba, e a brasileira, vai acordar para o ano? Afinal, carnaval está aí e temos que ficar atentos porque 2018 é ano eleitoral. muita gente acha que é só festa, que a vida é um verão e tudo se resume a baladas e praia. mas não é, pois temos impostos vencendo, políticos discutindo a nossa vida e um ano inteiro de coisas para resolvermos. claro que não somos robôs e precisamos de descanso, mas achar que a festa é uma constante é grande burrice e só vamos sair perdendo. A festa terminou e a roubalheira não. A politicagem tem que ser combatida por cada um de nós, na vida de uma maneira geral. viva 2018 e vamos arregaçar as mangas e ficar atentos. Mario Belo

Planos e hospitais

Ninguém vai me enganar e dizer que hospitais, médicos e planos de saúde foram surpreendidos com a máfia da venda de produtos descartáveis reutilizados pela saúde. Todos sabem que esta prática absurda é antiga e sistemática. Até mesmo as autoridades públicas de saúde têm ciência disso. os profissionais envolvidos nesta esquema, que é muito maior do que se está noticiando, atuam nisso há anos, porque têm clientes (grandes) há anos, também. Lindaura Torres

twitter: @eshoje / facebook: eshoje / instagram: /eshoje

projeto gráfico renon Pena de Sá e Patrícia Araújo www.renondesign.com fotografias Arquivo redacao@eshoje.com.br

diagramação diretora de redação/editora danieleh coutinho - mTb/ES 2694-jP jeferson Louis - mTb/ES 3605/ES danihcoutinho@eshoje.com.br

redação Andreia Foeger carolina boueri Gustavo Gouvêa Pedro ivo cunha Thaís rossi


Meio ambiente

SEXTA-FEirA, 2 dE FEvErEiro dE 2018 j www.EShojE.com.br

3

Bacias em alerta: chuvas, apenas, não resolvem

mau uso da água e do solo prejudica armazenamento de água; comitês reivindicam investimentos Gustavo Gouvêa Gustavo@eshoje.com.br

N

enhuma bacia hidrográfica capixaba consegue sair do sinal de alerta em relação à situação hídrica. Os principais Comitês de Bacia Hidrográfica (CBH) do Espírito Santo demonstram preocupação com a quantidade de chuva que era esperada e não chegaram. Mas, o que mais vem afligindo os gestores é o mau uso do solo e da água no trajeto que compreende os principais rios capixabas. Um dos rios que abastece a Grande Vitória, o Jucu, vive o problema histórico e continua sem solução. O consumo de água é muito grande desde as áreas de serra, onde o rio nasce, para agricultura e pecuária, até a região metropolitana, para o consumo humano, de acordo com o presidente do CBH do Jucu, Elio de Castro Paulino. Além disso, o solo é utilizado "sem muito critério". De acordo com o Boletim de Acompanhamento Hidrológico da Agência Estadual de Recursos Hídricos (Agerh), em 3 de janeiro o Jucu atingiu o auge da vazão no mês, ficando mais de 25% acima do estado de atenção. Entretanto, a partir desse dia, a vazão seguiu diminuindo gradativamente até chegar ao estado crítico no dia 16. Em 25 de janeiro a estação da Fazenda Jucuruaba chegou a medir 6.925

cesan

litros por segundo, menos da metade da vazão considerada crítica (17.040 l/s). Em janeiro o Rio Jucu operou seis dias pouco acima da linha de atenção ou na linha, nove dias pouco acima do estado crítico e outros nove dias abaixo do crítico ou na linha do estado crítico. De acordo com Paulino, o mau uso da água e do solo contribui para que o rio tenha um prazo curto para depender das chuvas.

Há sensação de que a escassez acabou. Mas não houve a recarga hídrica

elio pauliNo, cBH do Jucu

"Na agricultura, pecuária, construção das cidades não nos preocupamos se estaríamos facilitando o arraste de sedimentos para o fundo do rio. Plantamos sem respeitar isso, o que contribui para diminuir a oferta de água na bacia. E o solo descoberto, sendo utilizado inadequadamente, perde capacidade de armazenar água. Assim, a água da chuva bate e desce para o fundo do vale e o rio fica cheio. Há uma sensação de que a escassez acabou. Só que não houve a recarga hídrica. A água que está no rio tem que abastecer os lençóis freáticos. Como não houve abastecimento, fica o prazo de escoar

No mês de janeiro, o rio Jucu operou por nove dias abaixo ou na linha de seu estado crítico de vazão para o mar. Ou quando não está chovendo, imediatamente é captada para produção de agricultura e pecuária. O solo perdeu capacidade de absorver a água e ela escorre pro mar", esclarece o presidente do comitê. Nível crítico O Rio Itabapoana, que passa pelos municípios de Guaçuí, São José do Calçado, Bom Jesus do Norte, Apiacá, Muqui, Mimoso do Sul e deságua em Presidente Kennedy, também chegou a

apresentar vazão abaixo do nível crítico do dia 19 (quando se aproximou da metade de seu nível crítico) até o dia 22 de janeiro, quando operou no limite. No dia 25, a estação da Ponte do Itabapoana chegou a marcar 17.921 mil litros por segundo, bem inferior à vazão crítica, que é de 23.196 mil litros por segundo e permaneceu na linha crítica ou abaixo dela até o dia 29 de janeiro. Já um dos pontos de monitoramento da Bacia Hidrográfica

dos Pontões e Lagoas do Rio Doce, o Rio São José, operou do dia 18 a 23 de janeiro pouco acima do nível crítico. O presidente do CBH local, Antônio Ruy Júnior, afirmou que, com a crise hídrica, os conflitos pela água tem se agravado na região. “O Espírito Santo é um Estado com economia essencialmente agrícola, sendo cenário de conflitos pelo uso da água – situação que se agravou nos últimos anos, com a crise hídrica”, afirmou Antônio Ruy.

uso da água cobrado em 2019 todos os rios em atenção “não tínhamos a preocupação de preservar e nem a noção de que a água não é infinita. Hoje temos a certeza clara de que se não atuarmos na defesa e conservação do rio vamos ter dificuldade de garantir água para o futuro”. A afirmação é do presidente do CBH do Jucu, Elio de Castro Paulino, que aguarda o início da cobrança pela utilização da água do rio o quanto antes, aprovada em 30 de outubro do ano passado. Após a implementação, a cobrança deve entrar em vigor no início de 2019. “Os recursos para as ações de recomposição para produzir água, que é o que nos interessa, advém da cobrança pelo uso da água. Somos o único estado que não paga pelo uso da água e todos usam da forma que bem entendem, sem muitos critérios de conservação e

divulgação

cobrança pelo uso da água já é feita na porção federal do rio Doce uso racional. Na minha visão essa crise hídrica é permanente porque não temos feito as ações. Quando chove muito, sobra água, alaga e causa transtorno. Quando não chove, falta água e é o mesmo transtorno”, defende ele. E informa: “Trabalhamos com a possibilidade de, em 2018, construir um processo para

operacionalizar cobrança e que em 2019 possamos iniciar a cobrança pelo usa da água”. O presidente da CBH Pontões e Lagoas do Rio Doce, Antônio Ruy Júnior, informou que a cobrança pelo uso da água já é feita na porção federal do Rio Doce e que os recursos são utilizados na melhoria ambiental da região.

na bacia Hidrográfica do Itapemirim a situação é de atenção. De acordo com o presidente do CBH, Paulo Breda, a região deve sofrer como em 2017. “A vazão de todos os rios está na situação de atenção. Não recuperou e sabemos que daqui pra frente vão acontecer chuvas menores. A quantidade de chuvas não foi suficiente para recarga hídrica e os córregos não estão com a vazão esperada. Isso reflete que a gente vai passar pelo mesmo perrengue do ano passado”, afirmou Breda. Segundo o presidente, o Rio Muqui é o que se encontra na situação mais crítica. “Tivemos rios em que a vazão foi ao extremo. O Rio Muqui é uma situação de muita atenção nossa porque a vazão dele é pequena e sustenta quatro municípios. Além da

quantidade, a qualidade é ruim porque não existe tratamento de esgoto. No ano passado, no auge da crise, o rio quase parou de correr”, relatou. O presidente do CBH do Santa Maria do Doce, Olindo Demoner, afirma que o grande problema é o uso desregulado da água na agricultura e que, após os períodos críticos, quando o Acordo de Cooperação Comunitária (ACC) funciona, os produtores param de cumpri-lo. “Fizemos ACCs que a população em período crítico aderiu, mas volta a água e esquece de novo. São situações que a Agerh tem que tomar ação e controlar, fiscalizar, para que não falte água novamente”, afirma Demoner. A Agerh não respondeu aos questionamentos da reportagem.


4

Carnaval

SEXTA-FEirA, 2 dE FEvErEiro dE 2018 j www.EShojE.com.br

Sinal verde para a folia no ES Três entidades coordenam as escolas de samba, aumentando para 18 o número de participantes

F

eshoje

oram meses de ensaios, busca por parcerias e, até mesmo, discussões entre os maiores atores do carnaval da Grande Vitória. E, nesta sexta-feira (2) e sábado (3) as escolas de samba da Grande Vitória, enfim, abrirão alas para a temporada de carnaval do Brasil. O desfile das escolas de samba acontece no Sambão do Povo, reunindo 18 agremiações: sete do grupo de acesso e outras sete da elite do samba. O diferencial é que outras quatro se apresentam retornando ao evento. Foi anunciado, desde novembro do ano passado, que o desfile aconteceria em três dias, começando em 1º de fevereiro, para que as agremiações filiadas à Federação Capixaba de Escolas de Samba (Fecapes) desfilassem juntas. Mas atenção, elas serão dividas em dois dias e duas escolas fecharão a noite de apresentações do grupo de acesso e as outras duas do especial. Então, anota aí: nesta sexta cruzam o sambódromo capixaba as escolas de samba Unidos de Barreiros, Tradição Serrana, Independentes de São Torquato, Rosas de Ouro, Imperatriz do Forte, Chegou o que Faltava e Chega Mais (que brigam pelo título e o acesso), precedidas das Império de Fátima e a União Jovem de Itacibá. Já na noite da

elite do samba atravessam o corredor da folia, Andaraí e, seguindo a ordem, Novo Império, Unidos da Piedade, Boa Vista, Mocidade Unida da Glória (MUG), Pega no Samba e Unidos de Jucutuquara. Fechando a festa Unidos de Eucalipto e a Mocidade da Praia. De acordo com o presidente da Fecapes, Carlos Alberto de

Assunção, o mestre Picolé, todas retornam de olho na elite. “São escolas documentadas e regulamentadas, com estatutos e que têm o direito de ir para a avenida. Vamos pular de degrau em degrau até o grupo especial. Estamos aqui para somar com o carnaval capixaba. Imagine só cada escola, se agregar mais duas mil pessoas, serão mais oito

mil envolvidos com o carnaval. Isso gera emprego e renda”. “As expectativas são muitos grandes. Temos certeza que teremos mais um grande carnaval e como todos os anos, sem nenhuma ocorrência. Estamos há um ano organizando tudo. Não se faz carnaval em 10 dias”, afirmou o presidente da Liesge, Rogério Sarmento.

os foliões poderão contar com um esquema especial de ônibus elaborado pela Secretaria Municipal de Transportes, Trânsito e Infraestrutura Urbana (Setran) para voltar para casa. A partir da zero hora dos dois dias de desfiles, as viagens extras criadas especialmente para o Carnaval de Vitória 2018 terão início e vão até o fim da deman-

da, no final da madrugada. O ponto de ônibus provisório ficará no canteiro central que fica antes da rodoviária de Vitória, no sentido Santo Antônio - Centro, na avenida Robert Ewald. Além dos ônibus extras, os coletivos noturnos, também conhecidos como “bacurau”, vão funcionar normalmente, por meio das linhas 130, 160 e

210, passando nas proximidades do Sambão. Já para quem prefere os táxis, dois locais foram definidos como pontos: um na altura do Carmélia e outro na área de dispersão do Sambão, em frente ao antigo Cais do Hidroavião. Serão 20 vagas de táxis em cada um dos pontos. Já os usuários de aplicativos a 99Pop está com

uma promoção dando desconto de R$10 de desconto em todos as corridas para o sambódromo. Na segurança, 98 agentes de proteção comunitária e 116 agentes de trânsito da Guarda Civil Municipal estarão distribuídos pela área do evento, juntamente com a unidade móvel de videomonitoramento da Guarda.

Escolas que retornam

w Império de Fátima – “o tigre en-

contra o leão”. Jovem de Itacibá – “A união anuncia: É Primavera!”. w Independentes de Eucalipto – “Eucalipto toca no seu rádio de novo”. w Mocidade da Praia – “deu bola na rede, deu samba no pé”. w União

Grupo A –Lieses

w Independente de São Torquato

Independentes de Boa Vista foi a grande campeã do carnaval 2017 e desfila com o grupo especial dia 3

Transporte e segurança para foliões

– “mulher independente, capitoa a comandar, Luisa Grinalda a independentes vai cantar!”. w Imperatriz do Forte – “Sou imperatriz, sou capixaba com fé!”. w Rosas de Ouro – “Espirito Santo, o filho mestiço deste gigante chamado brasil”. w Unidos de Barreiros – “Se deus é brasileiro… É capixaba e pintou Piúma”. w Tradição Serrana – “Tradição canta ao rei dos Palmares!”. w Chegou o que faltava – “Pra nivelar a vida em alto astral. Nobre Pérola, jovelina”. w Chega Mais – “Sol, seca e alegria… A saga de um povo festeiro, valente e lutador”.

Elite – Liesge

w Nova

Andaraí – “Quem conta um conto aumenta um ponto com a certeza de quem viu! mas não leve tão a sério é 1° de Abril”. w Pega no Samba – “Na celebração ao chocolate, a locomotiva dá um show!”. w Unidos da Piedade – “Pra Não dizer Que Não Falei das Flores”. w Independente de Boa Vista – “Sou boa vista… Sou madiba. o canto da igualdade que ecoa no centenário de mandela”. w MUG – “Entre confetes e serpentinas, uma paixão sem igual… olhares que se cruzam, bocas que se beijam… Amores no carnaval”. w Novo Império – “No vai e vem do mar, lá se vão 100 anos do Sindicato da Estiva”. w Jucutuquara – “Ambrósio”.


Carnaval

SEXTA-FEIRA, 2 DE FEVEREIRO DE 2018 j WWW.ESHOJE.COM.BR

Abre alas

Marina Zanchetta abrealas@eshoje.com.br DIVULGAÇÃO

A hora é essa!

Glamour

Hoje (2) e amanhã (3) acontecem os desfiles das escolas de samba da Grande Vitória. Finalmente o carnaval capixaba poderá mostrar sua força e resiliência. A hora chegou, mas antes do sinal verde para o espetáculo, temos informações quentinhas!

Após uma tarde de visita ao Ateliê Flávio Rafalski posso garantir que as produções deixarão m u i t o s d e q u e i xo caído. Vestidos com muitos cristais e detalhes feitos com todo cuidado. Fiquem atentos para os destaques do carro abre alas da MUG, Lau e Carolina Vargas!

Deu samba

Será mesmo que um aperto de mão simboliza um bom acordo? O Ministério Público Estadual mediou uma reunião entre a Liesge e a Lieses para que fosse assinado um termo de conduta relativo ao carnaval 2018. O preocupante é que agora o desfile terá acesso e rebaixamento. Teve gente correndo contra o tempo para colocar o desfile na avenida.

Fecapes

Carolina Vargas vai desfilar com vestido por Flávio Rafalski

As escolas de samba que ressurgiram esse ano e queriam estar no Sambão do Povo tiveram muitas dificuldades para esse carnaval. A Mocidade Serrana desistiu de participar da festa. E as outras quatro escolas foram reorganizadas para desfilar hoje e amanhã.

Feliz aniversário, Coruja!

Completando 46 anos, a Unidos de Jucutuquara teve festa com bolo no dia 29. O grupo de admiradores da coruja se reuniu na principal avenida do bairro para celebrar a data. Que o presente venha em forma de esperança e perseverança aos seus integrantes. DIVULGAÇÃO

Fé capixaba

Batendo no peito para dizer que é “Capixaba com fé” a Imperatriz do Forte homenageará Nossa Senhora Aparecida e Nossa Senhora da Penha. A grande aposta da agremiação está nos jovens Vitor Rocha e Arthur Kadratz, respectivamente mestre de bateria e intérprete oficial.

Novo cargo

Magno Batistta, mais conhecido por ser diretor de tamborim e ritmista, fará sua estreia como mestre de cerimônia do 1º casal, Julia Mariano e Vinicius Costa, da São Torquato. Desejo sucesso nesse novo cargo!

O sol

Se a previsão de chuva preocupa muitos integrantes, uma certeza existe na Jucutuquara: o sol vai raiar quando a escola pisar na avenida. E ele não estará apenas no céu. Fiquem atentos para ver o sol no início do desfile da agremiação.

Rainhas

Sempre muito esperadas, as rainhas de bateria prometem fazer bonito. Rayane Rosa, da Novo Império, e Jordana, da Pega no Samba, chamaram atenção pela produção glamorosa desde o ensaio técnico. Quais surpresas elas guardam para o desfile de sábado?

Cacau na avenida

O casal Paulo Gonçalves e Adriane Ceolin, da marca capixaba de chocolate Espírito Cacau, estão muito animados para o Carnaval de Vitória. É que este ano, o samba enredo da Pega no Samba, a sua escola do coração, contará a história do cacau, que completa 100 anos de cultivo no Norte do Espírito Santo. Um grupo de amigos e parceiros desfilarão juntos na ala “Nativos Cultivadores” da agremiação, neste sábado, dia 3.

Fantasia na mão

Para quem comprou fantasia e já pegou no barracão, fique atento para não esquecer nenhum item em casa. Sapatilhas, costeiros, cabeças e adereços devem estar todos iguais na ala. Para os que não pegaram ainda, desejo boa sorte!

Chegou

Falando de Jovelina Pérola Negra a Chegou O Que Faltava leva um desfile, com comissão de frente e o casal de mestre-sala e porta-bandeira Amanda Mascarenhas e José Augusto, muito bem ensaiados. David Brazil também é figura garantida e mandou muitos recadinhos pelas redes sociais agitando os foliões.

Guia do folião

Atenção você que irá desfilar com as escolas de samba: algumas coisas não são permitidas e vale a pena ficar ligado para não perder ponto ou ser retirado da festa. Não pode desfilar com bebidas, máquina fotográfica ou celular na mão!

5


6

SEXTA-FEIRA, 2 DE FEVEREIRO DE 2018 j WWW.ESHOJE.COM.BR

HUGO BORGES POR CÉSAR HERKENHOFF L cesarherkenhoff@hotmail.com

O STF, enfim, ao lado do povo A contundente declaração da ministra Carmem Lúcia, segundo a qual o Supremo Tribunal Federal não irá se apequenar para encontrar soluções que viabilizem a casuísmos eleitorais, foi um duro golpe no Partido dos Trabalhadores e no ex-presidente condenado Lula O PT e sua principal liderança não contavam com cartão amarelo e, menos ainda, com o cartão vermelho dado pelo STJ ao negar habeas corpus preventivo para o paciente Lula da Silva. Na verdade, condenado em segunda instância pelo Tribunal Regional Federal da 4ª Região, Lula da Silva tornou-se inelegível, inapto para ocupar cargos públicos pelos próximos oito anos. Contavam, os meliantes petistas, com uma manobra patrocinada pelo próprio STF, rediscutindo a constitucionalidade do cumprimento da pena de prisão antes de esgotados todos os recursos, qual seja, até a sentença transitada em julgado. A sociedade brasileira não tolera mais esse tipo da manobra espúria. Prova cabal foi a hosti-

lidade dedicada a Gilmar Mendes, num avião, por um grupo de passageiros indignados com a arrogância e a soberba do ministro. Achar que está acima do bem e do mal e da própria lei é um equívoco imperdoável de Gilmar Mendes. Como servidor público, pago com dinheiro do contribuinte, tem o dever ético de explicar que embora contrariando os interesses sociais, tem votado de acordo com o ordenamento jurídico. Seria, portanto, manifestação clara de respeito ao povo. Prefere, ao contrário, manifestar desprezo. O mesmo desprezo que a sociedade brasileira tem por ele. Ainda bem que foi num avião, porque se fosse no Maracanã lotado, em vez de 50, 100 passageiros, seriam 50

mil brasileiros gritando “ei, Gilmar, vai pro TCU”. Não dá mais pra conviver com aberrações jurídicas praticadas sob os olhares omissos do Poder Judiciário onde, a exemplo do Executivo e do Legislativo, milhares de servidores recebem acima do teto constitucional, criando penduricalhos imorais (talvez legais) que afrontam a miséria do povo brasileiro, Não dá mais para tolerar os vários casos de casais de magistrados recebendo ambos – e na contramão de determinação inequívoca do Conselho Nacional de Justiça – inaceitável auxílio-moradia, inclusive e principalmente porque para o exercício da atividade, o magistrado necessita, obrigatoriamente, do domicílio onde atua.

Então, o auxílio-moradia é só uma saída esperta – e imoral – para burlar a lei e sacrificar ainda mais o povo que custeia essa máquina pública corrupta, ineficiente e inútil. Tomara, portanto, que a ministra Carmem Lúcia faça valer suas prerrogativas de presidente do STF e não coloque eu pauta a revisão de critérios para cumprimento de sentença penal. Lula é ladrão. Corrupto. Condenado por um magistrado honrado, cuja sentença foi ratificada por um colegiado que se mostrou igualmente correto, não se intimidando com ameaça de bandido comum. O povo brasileiro não quer apenas a prisão de Lula. O quer fora da vida pública. Mas quer também que esses demais membros da quadrilha, co-

COLUNA FEU ROSA

ARTIGO

Os menos iguais

Os livros

Dia desses li um interessante estudo produzido nos EUA, pela Universidade do Arizona. Decidiu-se buscar as variações históricas dos índices de desigualdade pelo planeta afora. Eis aí, sem sombra de dúvidas, uma questão fascinante: diante da evolução tecnológica da humanidade, como comportou-se, ao longo do tempo, a divisão da riqueza por ela produzida? Os pesquisadores decidiram aplicar aos valores encontrados o coeficiente conhecido como GINI, que varia de 0 (nenhuma desigualdade) a 1 (maior desigualdade possível). Começou-se o levantamento pelas sociedades mais primitivas, nas quais os seres humanos sobreviviam da caça. Concluiu-se que, naqueles dias, o coeficiente GINI era de 0,17. A humanidade, lentamente, desenvolveu-se. Alcançou a era da agricultura, com todas as suas respectivas técnicas - um avanço notável. Porém, igualmente avançou o coeficiente GINI, que evoluiu para 0,35. Passou-se ao exuberante Império Romano, no qual a humanidade, de um lado, produziu obras maravilhosas, mas, paradoxalmente, viu aprofundar-se o fosso entre ricos e pobres - no apogeu de Roma, eis o coeficiente GINI pulando para 0,48. Chegamos aos dias de hoje. Da eletrônica à medicina, da literatura à engenharia, a

Iniciamos com o brasileiro de São Paulo: 1- Vitor Bonini O Casamento – todos esperavam por festa inesquecível...; 2- Ivantir A. Borgo (nosso querido amigo e que já está no Céu): UFES – 40 anos de história. 3- Paulo C. Fructuoso – A Face Oculta da Medicina: é possível que médicos, mesmo depois de mortos, continuem a praticar a Medicina. 4- Rômulo M. Filho: Uma História do Teatro – em um tempo de restrição da liberdade individual e coletiva. 5- Francisco C. Xavier: A Caminho da Luz – Tem provado o quanto na mediunidade há um ponto de luz para nós. 6- Marcel S. Maior: As Lições de Chico Xavier - para quem acredita e para quem quer voltar a acreditar. 7- Escritos de Vitória – Praia – De quem é a praia que ora se invade. 8- E. Alexandre III: Uma Prova do Céu –

Dia desses meditava sobre um curioso aspecto da História, qual o de iludir as mentes mais desavisadas quanto a certos processos e períodos, apenas compreendidos pela posteridade. humanidade orgulha-se de seus feitos maravilhosos - esquecendo-se, no entanto, da vergonha embutida em um coeficiente GINI de 0,7 (índice encontrado na cidade de Londres, no Reino Unido). Em que se traduz todo este "índice de desigualdade"? Vamos a um número de mais fácil assimilação: em 2017, apenas 1% dos seres humanos concentravam 50% da riqueza de todos os demais! Este dado choca ainda mais se nos recordarmos de que em 2008 possuíam "apenas" 42,5% - ou seja, o problema piora a passos largos. Diante desta realidade, há os que sugerem maior tributação aos ricos ou medidas análogas. Modestamente, indicaria caminho outro: que todos tenham acesso aos meios de produção de riqueza. Que cada pessoa possa competir com justiça, liberta da ação do verdadeiro "governo paralelo" em que se transformaram as grandes corporações cujo tamanho, poder e riqueza devem encontrar, e com urgência, um limite. Até lá, fiquemos sob aquela realidade ironizada por Anatole France: "a lei, no seu majestoso igualitarismo, proíbe tanto os ricos quanto os pobres de dormir debaixo da ponte". PEDRO VALLS FEU ROSA Desembargador do TJES

mo Gleisi Hoffmann e Lindbergh Faria, corruptos notórios, recebam o devido enquadramento legal por ameaça, intimidação, incitação ao crime e à desobediência, todos crimes graves e capitulados no Código Penal. Dizer, antes do julgamento pelo TRF-4, que a condenação de Lula da Silva não se dará sem derramamento de sangue, e após a decisão que ninguém nesse país vai botar a mão no ex-presidente, exige imediata resposta do Judiciário: cadeia nesses saqueadores. Quem quiser acreditar em Lula e no PT que acredite. Eu, agora, voltei a acreditar no teólogo Leonardo Boff, segundo quem Lula é pecador. E bandido, E ladrão. E corrupto. E traidor das lutas populares.

O escritor João B. Herkenhoff afirma uma grande verdade: “o mundo do pensamento é o mundo dos livros”. Não exagerando, trate os livros com carinho e respeito. Eis uma série de livros publicados que vamos exaltar, menos os nossos, em dois artigos semelhantes. a jornada de um Médico Cirurgião na vida após a morte. 9- Penina: Os perigos da Universidade Pública (A Ufes unida jamais será vencida) e o Novo Rumo da Previdência: o imbróglio continua... Até quando?. 10- Américo Menezes: A Geografia do Espírito Santo: os pontos de maior atração turística e que não despertam atenção que merecem e A Idade da Captação. Os Governos de hoje são os melhores de amanhã. E como passa depressa. 11- Dalila Lubiana: Lê com liberdade atrás da grade. Um registro do trabalho voluntário, com foco em cultura e paz; possa ter existência térrea. Por fim, a chave da vida é a felicidade. Ler também traz poder. RÔMULO AUGUSTO PENINA Ex-Reitor da UFES


Política

SEXTA-FEirA, 2 dE FEvErEiro dE 2018 j www.EShojE.com.br eshoje

Bastidores da Política Os movimentos...

Indiscutível o direito do prefeito de Vila Velha, Max Filho, de colocar-se como candidato à sucessão do governador Paulo Hartung. Difícil é saber como será a reação ao eleitorado de seu município que em 2014 o elegeu deputado e acabou sem representante na Câmara Federal.

... do prefeito...

Em 2016 os eleitores devolveram a prefeitura a Max Filho e agora correm o risco de vê-lo abandonando o cargo na metade do mandato. Vai acabar virando o José Serra capixaba.

...de Vila Velha...

Esse movimento de Max é uma articulação política comandada pelo ex-deputado Luiz Paulo Vellozo Lucas, porque o PSDB não quer que César Colnago continue sendo vice-governador, mas que seja realizada uma prévia. E dela (I)sai o nome, (II) se o PSDB será vice e se (III)o partido apoiará a reeleição.

... e do PSDB

O PSDB está divido: 51% com Cesar Colnago e 49% com o grupo de Max. E dessa divisão vão ser decididos os rumos do ninho tucano nas eleições de outubro. O peso maior será a decisão da nacional, dependendo da chapa à presidência da República.

Força eterna O governador hartung e o ex, Casagrande, podem protagonizar, mais uma vez, disputa pelo governo

Hartung e Renato na preferência eleitoral o governador e seu antecessor aparecem com larga vantagem em estudo, não oficial, feito na Grande vitória DAnieleh COutinhO danihcoutinho@eshoje.com.br

S

e as eleições fossem hoje os capixabas elegeriam Lula para presidente, Paulo Hartung (MDB) para governador e Amaro Neto para senador. Esses são dados, não registrados na Justiça Eleitoral, de um estudo feito por lideranças políticas para saber como os eleitores do Espírito Santo estão acompanhando os movimentos políticos locais. Segundo o levantamento que ESHOJE teve acesso, os próprios moradores da Grande Vitória apontam como possíveis nomes para concorrer ao Governo do Estado o atual chefe do Poder Executivo estadual, bem como o vice-governador, Cesar Colnago (PSDB), o ex-governador, Renato Casagrande (PSB), os senadores Rose de Freitas (MDB) e Ricardo Ferraço (PSDB), o prefeito de Vila Velha, Max Filho (PSDB), e os ex-prefeitos de Vitória e Serra, respectivamente João Coser

(PT) e Sergio Vidigal (PDT). Como não se trata de uma pesquisa oficial, não se pode divulgar números, contudo o estudo aponta que em todos os cenários aparecem com vantagem Hartung e Casagrande. Já para a corrida ao Senado Federal, os nomes de Hartung e Ricardo são lembrados novamente, mas também estão frescas na memória do eleitor capixaba Amaro Neto e Magno Malta. Desses quatro, o estudo notou que Amaro tem grande destaque. E, que se o atual governador desistir de concorrer à reeleição, são grandes suas chances de voto para senador. No pleito de 2018 duas vagas deverão ser preenchidas no Senado Federal, uma vez que os representantes do ES, Ricardo e Magno, concluem oito anos de mandato. Já Rose de Freitas ainda tem mais quatro anos pela frente. Sequer leMBrADO Tido por diversas lideranças políticas nacionais como po-

lítico preparado para concorrer à presidência da República, o nome do governador Paulo Hartung não se destaca entre os eleitores capixabas para este cargo. O estudo realizado para avaliar o comportamento dos votantes no Espírito Santo demonstrou que pessoas nacionalmente mais famosas estão na frente. Os mais lembrados constam em relação que vai de Luciano Huck a Lula da Silva. Mas entre eles existem Jair Bolsonaro, Ciro Gomes, Joaquim Barbosa, Marina Silva, Geraldo Alkimin, Alvaro Dias e Rodrigo Maia. Segundo pesquisa recente do Datafolha, uma semana após ter condenação por corrupção passiva e lavagem de dinheiro, no caso do triplex no Guarujá (SP), Lula mantém liderança na corrida eleitoral. O líder petista tem entre 34% e 37% da preferência do eleitorado. Ele é seguido por Bolsonaro, Marina, Alkimin, Ciro Gomes, Álvaro Dias, Joaquim Barbosa e o apresentador Luciano Huck.

Quem voltou com muita força para a política foi Max Mauro. Cheio de experiência, ele garante que nem Rodney Miranda e nem Neucimar Fraga terão facilidade nas próximas eleições.

Articulação frustrada

Theodorico Ferraço tentou entrar no PTB, mas foi orientado pelo presidente Roberto Jefferson a procurar Serjão Magalhães. Mas o próprio Serjão destaca que não tem interesse em deputados com mandato para montar a chapa.

Sem mandato

Segundo ainda Serjão, PTB fechou com PSC, PRB, PSL, PV e Avante um acordo onde a condição é que nenhum deputado com mandato possa participar da aliança. A condição do PV se manter no grupo é a saída de Evair de Melo, na janela de março.

Ainda sobre Ferração

Theodorico Ferraço almoçou com o ex-governador, Renato Casagrande, recentemente, e está articulando um grupo de oposição, incluindo lideranças políticas, com e sem mandato, para apoiar o retorno do socialista ao Governo do Estado.

O peso...

Um movimento foi feito dentro da Assembleia Legislativa, onde 15 deputados fecharam apoio à reeleição do governador Paulo Hartung. E, se essa candidatura não acontecer, o nome do grupo é Renato Casagrande, descartando completamente o vice-governador César Colnago.

...dos mandatos

Qual a diferença entre a disputa PH X Casagrande entre 2014 e 2018? O grupo comandado pelo prefeito de Viana, Gilson Daniel, que era contra o atual governador. Hoje, os mesmos, juntos, não somam o eleitorado que os 15 deputados com mandato, tem.

Força militar

O nome escolhido pelos militares na região sul capixaba é o tenente-coronel Alexandre Quintino.

Mudança no Governo

O engenheiro Paulo Roberto Ferreira, chefe de gabinete de Hartung, vai substituir Ênio Bergoli no DER-ES, para que o titular do Departamento se descompatibilize e concorra à Ales

Pelo ninho

Marqueteira política das mais atuantes no Espírito Santo - e que coleciona desafetos neste mesmo meio - Bete Rodrigues, mergulhada desde as eleições de 2016, volta ao cenário capixabas. O PSDB contratou a profissional para estudar a viabilidade de Cesar Colnago concorrer ao Governo do Estado no pleito de outubro. Um detalhe é importante ressaltar: não convidem-na a sentar à mesma mesa que o atual governador, Paulo Hartung.

7


8 Esportes

SEXTA-FEIRA, 2 DE FEVEREIRO DE 2018 j WWW.ESHOJE.COM.BR STEHLING RACING TEAM

RUY MONTE DÁ O RECADO! rmonte@eshoje.com.br

A prioridade é a marcação No futebol em que, anualmente, no campeonato brasileiro, são demitidos dezenas de treinadores, a busca é por bons resultados. Os dirigentes dos clubes são impacientes com os resultados negativos. O mais prático é demitir o técnico.

Cleber Penna foi "contaminado" pelo vício do kart em 2015, e hoje compete na categoria experiente

Oportunidade para competir de kart A Copa Verão de Kart Amador FDK 2018 vai dar chance a novos adeptos de participarem da competição GUSTAVO GOUVÊA gustavo@eshoje.com.br

P

  já andou de kart uma vez ou outra e tem espírito competitivo, eis uma chance de treinar seus dotes automobilísticos em uma verdadeira competição. Desta vez, a Copa Verão de Kart Amador FDK 2018, que acontece dias 17 e 18 de fevereiro, vai contar com a categoria ‘novato’, que vai dar a oportunidade de correr um campeonato em busca de medalhas e troféus a pilotos iniciantes, sem ou com pouca experiência em competições. O organizador Renato Pereira, gerente do Fãs de Kart GP Indoor, local do evento, em Jardim Camburi, afirma que o objetivo é formar uma nova safra de praticantes de kart no Espírito Santo. “O intuito é incentivar a formação de novos pilotos, de uma nova safra que venha a praticar o kart. A categoria é formada por pilotos de pouca experiência que queiram participar de competição. Esperamos de 14 anos (até 18 anos com autorização de responsável) até de 60, 70 anos”, afirma o organizador. Renato Pereira espera um mínimo de 12 competidores em cada uma das três categorias: leve (75kg), médio (90kg) e pesado (110kg). Todos terão direito a, no mínimo, quatro corridas na pista: três classifi-

catórias e uma repescagem. Caso termine entre os primeiros na categoria de peso, ainda participam da grande final entre todas as categorias. O valor total das inscrições é de R$ 290 por piloto, sendo R$ 27,50 de custo administrativo e premiação (medalhas, troféus e vouchers de corrida no Fãs de Kart GP Indoor) e outros R$ 262,50 referentes a 70 minutos de corrida. EXPERIENTES Um ex-novato que foi “contaminado” pelo vício do kart para sempre. Esse é Cleber Penna, hoje, atual tricampeão do circuito da Associação Capixaba dos Pilotos Amadores de Kart (Acpak). Só que, quando ele participou da primeira edição da Copa Verão de Kart, em 2015, ainda era um piloto recente (apesar da categoria “novato” ainda não existir). Aquela experiência mudou sua vida. “Tinha um ano e meio que havia começado a andar de kart. Foi fenomenal. Teve as classificatórias, fui indo bem, me classifiquei em segundo no geral e a final foi emocionante. Menos de dois anos de experiência e vencer contra um campeão brasileiro é um feito que guardo com muito carinho. Depois disso, não tinha como não continuar. Hoje o kart, que começou como um hobby despre-

tensioso, é a minha principal diversão”, lembra ele, que com a vitória ganhou vaga para participar de torneio nacional. Na nova edição da Copa Verão de Kart Amador FDK 2018, Cleber competirá na categoria experiente, cuja disputa acontece dias 3 e 4 de março, no mesmo local. A premiação incluirá duas vagas gratuitas na Copa Brasil de Kart Indoor, que acontecerá em Volta Redonda-RJ, em abril. Para os novatos, ele aconselha: “Quando comecei a competir de kart pensava: ‘O que vou fazer aqui? Vou entrar pra passar vergonha?’. Mas essa oportunidade é fenomenal, porque estarão disputando pilotos de mesmo nível técnico, novatos que poderão vivenciar uma disputa. Quem participar corre sério risco de ser contaminado pelo vício do kart”, brinca o campeão.

SERVIÇO: Copa Verão de Kart Indoor FDK 2018 w D:

17 e 18 de fevereiro (categoria Novato) / 3 e 4 de março (categoria Experiente) w H: a partir das 8 horas w L: Fãs e Kart GP Indoor w I: R$ 290 (incluso taxa administrativa e 70 minutos de corrida) w M informações: http:// www.fasdekart.com.br

Fica difícil assistir um jogo em que os times são totalmente ofensivos. Embora, atualmente, equipes alcancem um futebol mais moderno, porém bem menos fluentes de gols. Lembro, como repórter esportivo, que os artilheiros dos campeonatos mais importantes faziam dezenas de gols. Pelé era artilheiro do paulista, jogando pelo Santos, com media de 50 a 60 gols, por ano. Os times eram bem ofensivos e tinham um volante que atuava entre os zagueiros central e o lateral esquerdo, somente com a função de marcar. Na escalação a formação era de cinco jogadores no ataque, com um deles voltando um pouco para armação, que era o tradicional número 10 ou o meia-esquerda. Os times eram escalados para atacar e fazer gols. Não demorou muito um do ataque foi recuado e guindado à função de armador ao lado do volante, estabelecendo a tática do 4-2-4. Só que a dupla de volantes nada mais eram do que marcadores, muito mais do que sair para o jogo. Dos quatro atacantes restaram apenas 3, já que o meia-esquerda, que era o encarregado de trabalhar ao lado de outro atacante, passou a ser o número um do meio campo e, com isso, foi criado o número "10". Neste caso é a implantação do 4-4-2. Sobrariam dois jogadores

para atacar: um centroavante e outro meia, eliminando definitivamente os pontas. É evidente que de 20 anos para cá o conceito tático mudou muito. Os treinadores estudiosos do futebol começaram a armar times com os volantes saindo mais para o apoio e fazendo os seus laterais se transformarem em pontas. Mas, com a função de marcar. Essa transformação foi gradativa e, aos poucos, os burucutus (só marcadores) do meio campo foram desaparecendo, surgindo jogadores com mais categoria para atuarem como volantes. Na era atual: até mesmo os grandes times da Europa jogam um futebol de mais toques, sempre pelos lados e com detalhe de que os atletas são treinados bastante em bolas paradas. Esse conceito estabelecido pelos treinadores fez diminuir muito a presença de atacantes mais ousados nos dribles, criando jogadas individuais, em função do gol, prevalecendo o coletivo. Mesmo assim, o Brasil continua rico de talentos, mesmo que esses craques fiquem pouco tempo atuando no futebol brasileiro. Não podemos ser radicais, mesmo que sintamos grande preocupação de que marcar é mais intenso do que atacar. Com isso, protegemos mais a posição dos técnicos, demitidos a cada dois ou três resultados negativos.


Vitória, 2 de fevereiro de 2018 J Ano XVII J Nº 682 J Edição Gratuita Semanal

www.eshoje.com.br

Fundado em 19 de julho de 2000 por Carlos Roberto Coutinho

Prepare-se para fevereiro!

Além do carnaval, muitas atrações nacionais e locais prometem movimentar o ES durante o mês dIVulGAção/VAGNA GANEN

Marcia alMeida cultura@eshoje.com.br

J

aneiro sempre é imbatível no quesito shows. Apresentações de cantores de gêneros variados divertiram capixabas e turistas de Norte a Sul do Espírito Santo. Mas fevereiro promete não ficar atrás. O mês já começa ao som dos batuques das escolas de samba da Grande Vitória e segue aquecido, com atrações que prometem encantar a todos os públicos, inclusive o infantil. Além da grande festa no Sambão do Povo (nesta sexta, 2, e sábado, 3), o Clube Arci, em Vila Velha, recebe uma programação super bacana para o público infantil. A "Matinê de Carnaval da Criançada" terá trilha sonora do divertido grupo Estripolia, além de performances de palhaços, artistas em pernas de pau, pinturas de rosto, animadores e muita diversão. Aí chega o carnaval... para tudo por aqui? Claro que não! No dia 13 o agito será no Ilha Shows, em Vitória, quando vai acontecer o famoso Baile Voador, com a promessa de ser uma noite especial. No line up do agito o inédito Minha Luz é de Led, diretamente do Rio de Janeiro, Los Noronha, Bloco Manguerê, Caixadá e Forró Bemtivi. Já dia 14, o Embrasado, na Praia do Canto, será palco da terceira edição do CarnaFogueira, evento que tem como prioridade destacar os talentos do cenário local. A data escolhida é uma referência à música Chuva de Alegria, com a frase “Quem me dera Carnaval por mais um dia”. Bingo! E para participar da festa basta doar 1 quilo de alimento e retirar seu convite no Birita ou no By Rock.

carnaval

se na Grande Vitória está extensa a agenda de eventos para o mês de fevereiro, no interior a situação não é diferente. Conceição da Barra recebe, durante o carnaval, atrações como Ricardinho da Bahia, Pagodart e a Patrulha do Samba. Tudo gratuitamente. Em Itaúnas, a festa de Momo será comandada por Rael, Gabriel, O Pensador, Falamansa e Planta e Raiz, entre outras atrações, na casa de shows Vibe Itaúnas.

em clima de matinê, porque a criançada não pode ficar de fora, o grupo estripolia promete uma grande festa no clube arci, em Vila Velha

rock e encontro de bambas voltando da temporada de momo não pode faltar a ressaca. A que promete ser sensação é o 40 Graus de Booa, dia 17, no Bar 40 Graus, no Triângulo das Bermudas e terá como atrações o grupo Pedalasamba, o cantor Alan Venturini e o DJ Bero. Já o Doca 183, na Gama Rosa, Centro de Vitória, vai receber durante o mês artistas como Simône Devens e a banda de rock The Gas Station. E para encerrar o mês com chave de ouro, Diogo Nogueira, Jorge Aragão e Alcione aterrissam na Área de Eventos do Shopping Vila Velha para comandar um grande encontro de samba.

Diogo Nogueira que, inclusive, acaba de lançar o novo CD “Munduê”, em comemoração aos 10 anos de carreira, além de apresentar as novas canções, vai resgatar sucessos, tendo como convidado o veterano Jorge Aragão. Se depender desses dois, o público vai curtir uma verdadeira, e em grande estilo, roda de samba. Já Alcione promete uma apresentação inesquecível, com um repertório cheio de clássicos que consagraram a sua carreira. Já estamos contando os minutos para acompanhar a Marrom em canções como “Sufoco” e “Não deixe o samba morrer”.

dIVulGAção

diogo Nogueiro e Jorge aragão se apresentam juntos em Vila Velha


2

Cinema

SEXTA-FEirA, 2 dE FEvErEiro dE 2018 j www.EShojE.com.br divulgação

CIRCUITO CULT Márcia alMEida L cultura@eshoje.com.br

Tons de liberdade O Kinoplex já começou a venda antecipada de ingressos para o tão aguardado “50 Tons de Liberdade”, que chega aos cinemas dia 8. A adaptação da última parte da trilogia de E.L. James, iniciada com “Cinquenta Tons de Cinza”, terá sessões de pré-estreia no dia 07, às 23h59. divulgação

O episódio "dormindo, arcodado, dormindo" será um dos apresentados durante o encerramento do FcV

“Irmão do Jorel” encerra festival

Episódios da série criada e dirigida pelo capixaba juliano Enrico serão exibidos na Universidade Federal do ES

U

ma programação especial marcará o encerramento do 24º Festival de Cinema de Vitória Itinerante. Após percorrer o litoral do Espírito Santo de norte a sul, o festival faz sua última sessão, com entrada franca, nesta sexta-feira (2), a partir das 19 horas. Uma sala de cinema será montada ao ar livre no estacionamento do Cine Metrópolis, na Ufes, em Vitória. Na telona, o público irá assistir a quatro episódios da série “Irmão do Jorel”. Criado e dirigido por Juliano Enrico, esse desenho animado é uma co-produção da Cartoon Network Brasil e da Copa Studio e que caminha para sua terceira temporada. Primeira série de animação original do Cartoon Network realizada na América Latina, “Irmão do Jorel” fez sua estreia em 2014 e, dois anos depois, estreava a segunda temporada, ambas com 26

episódios cada uma. A série narra situações em que sempre acontecem confusões, algumas bem sérias e outras nem tanto, todas típicas de um ambiente familiar brasileiro da década de 1980, em meio a aventuras surreais e sem-sentido, sempre a partir da perspectiva do Irmão do Jorel. “Irmão do Jorel” apresenta o cotidiano de uma família excêntrica e extravagante. Jorel é o filho do meio, com o cabelo sedoso e bem liso e uma maneira doce e atraente para ganhar meninas, que faz dele o cara mais popular da cidade. No entanto, o show não gira em torno dele, mas em torno de seu irmão mais novo, um garoto tímido e sem nome e sempre chamado de "Irmão do Jorel". Sendo quase sempre ofuscado pela fama e popularidade de seu irmão mais velho, Irmão do Jorel tenta ganhar sua própria identidade e ser alguém importante da

família. Na sessão do 24º Festival de Cinema de Vitória Itinerante serão exibidos quatro episódios da segunda-temporada de “Irmão do Jorel” que foram veiculados em 2017. São eles: “Em Busca da Felicidade”, “Elefante de Porcelana”, “Dormindo, Acordado, Dormindo” e “Eject Especial”. Na estrada desde o início de janeiro, o 24º Festival de Cinema de Vitória Itinerante alia o turismo ao lazer cultural para promover as belezas do litoral capixaba e difundir o cinema brasileiro. Por onde passa, esse circuito de cinema ao ar livre recria uma verdadeira sala de cinema com equipamentos de projeção e de som adequados, cadeiras para os espectadores e até um tapete vermelho. É uma forma afetuosa e descompromissada de aproximar o cinema nacional do público de moradores e turistas.

Universal usa ilustração brasileira a universal Pictures anunciou que vai adaptar para o cinema a história em quadrinhos Birthright, publicada desde 2015 pela editora Image, nos Estados Unidos e inédita no Brasil. A curiosidade é que a obra tem toque brasileiro. Quem cuida da arte é o piracicabano Andrei Bressan. “Esse é o sonho de todo mundo que trabalha com quadrinhos”, disse.

Segundo o comunicado do estúdio, o longa-metragem terá roteiro da dupla Ken Daurio e Cinco Paul (autores dos três filmes da animação Meu Malvado Favorito). Apesar do anúncio, ainda deve demorar para a produção se concretizar. Por enquanto, é cedo para falar sobre elenco ou uma data de estreia. Mas Bressan adianta que o filme se basearia no primeiro arco da série.

A história, assinada por Joshua Williamson, gira em torno do menino Mikey, que se perde de sua família e vai parar em um mundo de fantasia, com monstros, guerreiros e magia. Lá, ele é visto como a peça-chave para mudar um horrível destino. Um ano depois, o garoto retorna ao seu universo, mas leva com ele um homem musculoso, obstinado em derrotar um rei maligno.

Também já estão à venda os ingressos para “Pantera Negra” e “Nada a Perder”, que estreiam, respectivamente, em 15 de fevereiro e 29 de março. O primeiro é o mais recente lançamento da Marvel e conta a história de T´Challa (Chadwick Boseman), príncipe do reino de Wakanda, que perde o seu pai e viaja para os Estados Unidos, onde tem contato com os Vingadores. “Nada a Perder” é a cinebiografia autorizada do bispo evangélico Edir Macedo (Petrônio Gontijo), empresário fundador e líder espiritual da Igreja Universal do Reino de Deus e proprietário da TV Record. Baseado nos livros da trilogia homônima, o filme conta a história do “self made man”, que passou por diversos momentos de turbulência enquanto perseguia sua convicção. Os ingressos para esses três lançamentos podem ser adquiridos nos terminais de autoatendimento, localizados na frente dos cinemas, pelo site www.kinoplex.com.br ou na própria bilheteria.

Mangá

Sucesso da ImageComicse vencedora do Prêmio Hugo para Melhor História Gráfica, o HQ “Monstress” finalmente chega às livrarias brasileiras pela Editora Pixel. Escrita pela americana Marjorie Liu e ilustrada pela artista japonesa Sana Takeda, a HQ foi uma das mais vendidas em 2016 e recebeu

Em cartaz

várias indicações ao Prêmio Eisner. Consagrada várias vezes nas listas de mais vendidos do The New York Times, Liu já fez diversas parcerias com a Marvel escrevendo Viúva Negra e outras séries relacionadas com os X-Men. A série “Monstress” é uma junção de fantasia e ficção cientifica.

Está em cartaz na Biblioteca Pública do Espírito Santo a exposição “Publicações Capixabas Coletivas”, com as mais diversas antologias reunindo escritores capixabas numa mostra que aponta para a vocação literária de todos os lugares do estado. As antologias entraram na história das publicações capixabas há 162 anos quando José Marcelino Pereira de Vasconcelos organizou a primeira coletânea reunindo escritores capixabas, o Jardim poético ou coleção de poesias antigas e modernas, compostas por naturais da província do Espírito Santo. A mostra pode ser visitada gratuitamente de segunda a sexta-feira, de 9 às 19 horas.


3

SEXTA-FEIRA, 2 DE FEVEREIRO DE 2018 j WWW.ESHOJE.COM.BR

Social

Bianca Coutinho bianca@eshoje.com.br

DIVULGAÇÃO

Tratamento de choque Carnaval chegando e tem lindinha correndo contra o tempo para dar aquele up no visual. Nesta reta final, poucos procedimentos garantem resultados imediatos. O que não significa que seja impossível. A esteticista Adriana Nalesso sugere a maderoterapia. A técnica utiliza “copas suecas”, nome dado aos utensílios de madeira, para massagear o corpo e os resultados são rápidos e visíveis na primeira sessão. "Uma boa opção para o tratamento da celulite é a maderoterapia, técnica colombiana de massagem corporal onde são usados utensílios de madeira chamados de copas suecas. Esses acessórios podem ser usados em massagens na região das coxas, glúteo, abdômen e culote", detalhou.

Boas cores

Aline Dias, Giovana Duarte, Roberta Leite e Hallison Campos em tarde de café

Drinques. O drinque mais consumido do verão é o ‘Tropical Gin’, que combina o destilado com energético de frutas tropicais. Pedro Paulo Moyses garante que não compromete muito a silhueta. Villa Mix. Confirmado para o dia 14 de abril o VillaMix Festival no ES, com o maior palco do mundo. O super time de estrelas será formado por Jorge & Mateus, Alok, Matheus & Kauan, Simone & Simaria, Jonas Esticado, Aviões, Cleber & Cauan e Luan Santana. Preview. Hinglyd Fonseca já abasteceu as araras de sua marca com peças para o Outono Inverno 2018. Entre as diversas tendências estão veludo, animal print, renda e tules. Malwares. Após a descoberta de uma vulnerabilidade nos processadores de grandes empresas, especialistas em segurança alertam: novos malwares surgirão para explorar essa brecha. A solução é sempre atualizar os sistemas de segurança de computadores a smartphone, ensina Lierte Bourguignon. Bate e volta. Dani Barreto foi uma das seletas convidadas para o desfile da marca de Dani Mattar e Fabiana Justus, em São Paulo. A empresária promete trazer peças para a sua loja. Carnaval. Adriano Batistuta escolheu Guarapari para re-

As tintas de parede já não são mais as mesmas. Estão menos tóxicas e com menos impactos para a natureza. O maior avanço são os solventes, que foram substituídos por água em muitas linhas. Além do impacto menor na natureza, há um impacto menor na saúde das pessoas, principalmente as alérgicas.

carregar as baterias durante o carnaval. Ele vai curtir em família.

FLÁVIO MOTTA

Novidades I. Carolina Belo esteve no Rio de Janeiro para um curso intensivo em preenchimento global da face com a especialista Bruna Bravo. Novidades II. Bruna Dornellas e Wesley Telles preparam uma programação de grandes espetáculos para o ano de 2018. Em tempo: Bruna troca alianças com Leonardo Vieira em abril. Conexão. Jovacy Peter Filho e Walter Ferreira Junior passaram a semana em Brasília estruturando a expansão de seus escritórios na capital federal. As bancas, que são capixabas, seguem em parceria num projeto de ampliação da atuação no cenário nacional.

Ivana Izoton e Marina Chebabe em lançamento de coleção de joias FLAVIO VASQUES

MÁRCIO GUIMARÃES/ALL LIVE

Doação. Ana Luiza Azevedo comemora seu aniversário no Camboja fazendo trabalho voluntário com crianças. Feliz aniversário Ariane Oliveira, Ediane Maia, Tatianna Salles, Geíza Vinand, Jamily Bonatto Baptista, Tereza Monteiro, Rosangela Reis e Ana Luiza Azevedo (02); Dani Sanz (03); Areli Kohls (04); Penha Rossoni, Cristina Orlandi e Felipe Rodrigues (05); Dayana Souza, Taisa Faé e Cebes De Martin Junior (07); Camila Lima, Sergio Vitarelli, Catiana Penna, Gabriel Basílio e Vivine Nogueira (08). Parabéns!

Thayany Moura e o rapper Marcelo Biorki cheios de amor, após trocarem alianças

Gabriel Gomes curtiu o pôr do sol na Casa da Porta Amarela, Ilha do Boi


4

Programe-se

SEXTA-FEirA, 2 dE FEvErEiro dE 2018 j www.EShojE.com.br divulgação

Coluna do vinho Franklin pinheiro L frankleepin@frankleepin.com

Vinhos com passagem A grande maioria dos vinhos de qualidade que são produzidos, em especial no caso dos tintos, tem contato com os recipientes de madeira, especialmente de carvalho. Eles podem ser Francês, Leste Europeu e Americano. divulgação

as apresentações culturais serão os grandes destaques do evento, que promete dança e muito sabor

Festival vai agitar cidade de Aracruz

Programação inclui shows musicais, aulas de culinária com chefs renomados e manifestações populares Marcia alMeida cultura@eshoje.com.br

C

erca de cinco mil pessoas devem passar pela Vila de Santa Cruz, em Aracruz, entre esta sexta-feira (2) e domingo (4), quando vai acontecer o Festival Gastronômico Aracruz Sabor Verão. Na programação, shows musicais e apresentações culturais. Que for prestigiar o evento poderá participar de aulas de culinárias com chefs renomados, como o colunista de ESHOJE, Franklin Pinheiro, Luiza Sampaio, Alessandro Eller, Flávia Esteves, Gideão Dias, Felipe Maia, Solange Netto e Letícia Sant'Anna. Além de curtir shows musicais de artistas como Amanda e Ricardo e o Gruppo Di Ballo Nova Trento. A programação inclui ainda o encontro das bandas de congo de Aracruz e o cortejo e fincada do mastro da Banda São Benedito de Itaparica. O legado indígena também estará presente no local por meio de aulas de gastronomia comandada pelo Cacique Peru e da feira de artefatos e artesanato. Além disso, está confirmada na programação uma apresentação de Dança Guerriera Tupiniquim. A entrada no evento é gratuita.

Programação: 2/2 (sexta-feira) w local:

cais de Santa cruz rio Piraque-Açú w data 17, 18 e 19 de junho w local cidade Universitária de macaé w atrações mostra de cinema Temático com filmes de curta metragem. “Arraial do cabo”, de Paulo césar Sarraceni. w 17h – Abertura da Feira de Artefatos indígenas, Agricultura Familiar e Artesanato w + Encontro capixaba de cervejas Artesanais e Food Truks w 17h – Apresentação de dança Guerreira Tupiniquim (indígena) w 21h30 – Show com Amanda e ricardo w local: cozinha Piraque-Açú w 18h - Aula Show de Gastronomia indígena com o cacique Peru w 19h - Aula Show de Gastronomia com o chef Felipe maia machado w 20h - Aula Show de Gastronomia com a mestre de Alambique Solange Netto 20h30 Aula show de gastronomia com o chef Alessandro Eller

3/2 (sábado) w local:

cais de Santa cruz rio Piraque-Açú w 13h – roteiro Guarani – Almoço indígena (sob reserva a r$40,00 por pessoa)

w*

Passeio de Escuna até a Aldeia indígena temática com apresentação do coral Guarani e comida indígena. *reservas: Escuna Princesinha do mar (27) 3250-1941 / 999851964 w 17h – Abertura da Feira de Artefatos indígenas, Agricultura Familiar e Artesanato w + Encontro capixaba de cervejas Artesanais e Food Truks w 19h – Apresentação do Gruppo di ballo Nova Trento (distrito de Guaraná) w 23h – Show com meire Pires w local: cozinha Piraque-Açú w 18h - Aula show de gastronomia com a chef Letícia Sant’Anna w 19h - Aula show de gastronomia com o chef Gideão w 20h - Aula show de gastronomia com a chef Luiza Sampaio w 21h - Aula Show de Gastronomia com a chef Flávia Esteves

4/2 (domingo) w local:

cozinha Piraque-Açú – Abertura da Feira de Artefatos indígenas, Agricultura Familiar e Artesanato w + Encontro capixaba de cervejas Artesanais e Food Truks. w 14h – Apresentação musical w 16h – Encontro das bandas de congo de Aracruz – cortejo e fincada do mastro da banda São benedito de itaparica w 11h

Historicamente a vinificação é realizada de forma muito semelhante em todas as regiões: materiais utilizados na construção das ferramentas de trabalho, bem como recipientes utilizados. Produtores justificam as despesas e esforços envolvidos no uso, principalmente por aromas adicionais. Esse contato fornece, principalmente, um aumento na complexidade dos vinhos. Este uso de barrica de madeira também tem um ótimo relacionamento com a percepção, muitas vezes errada. O consumidor, especialmente em certos países como a Espanha, tem sinais de vinhos de qualidade, que pode ser adquirida em complexidade nos que têm contato com a madeira. Desde que o seu uso seja criterioso, é essencialmente verdadeiro para os vinhos tintos. Por outro lado, os vinhos brancos, que geralmente têm menos sabor, podem ser sobrecarregados por transmitir carvalho e alcançar o efeito oposto. Por esta razão, muitas vezes, ao amadurecer, o produtor pode decidir que apenas uma parte, da produção ou da cepa, tenha passagem por barrica. O tamanho do recipiente é uma das principais variáveis da apreciação utilizada na vinificação: tradicionalmente de madeira eram grandes, até mesmo várias dezenas de milhares de litros. E quase sempre reutilizados para muitos ciclos. Hoje a tendência é usar pequenos recipientes - barris Borde-

aux de 225 litros comumente. Outras variáveis relevantes para a utilização de madeira é o tempo de exposição do vinho ao recipiente. Muito pelo contrário do que pode parecer, vinho que seja objeto de uma breve exposição tende a extrair maior proporção de aromas de madeira de baixa qualidade, enquanto os sabores mais apreciados só aparecem depois de longos períodos. Isto tem mais a ver com as mudanças químicas e físicas que ocorrem no vinho por longa exposição ao recipiente com o material do próprio recipiente. Os barris de carvalho são caros, preço médio 1 000 €, para um francês comum. Tanto na compra e manutenção, para o reuso temos que fazer tratamento para remoção dos tartaratos e taninos, que se acumulam no interior durante o amadurecimento dos vinhos. O tempo ideal de uma barrica é de três usos - além disso a barrica nada mais teria a oferecer à bebida. Mas o custo adicional para cada garrafa obtida por uma única utilização será alto. Quando não contem vinho, deve ser protegido para evitar a secagem e também tem de proteger contra a contaminação microbiana, como odores nocivos gerados por bactérias e fungos que se acumulam nas paredes internas, e contaminar o vinho em uso posterior. Desta forma alguns destes aromas pode lembrar defeitos como, a cortiça, o vinagre, estrume e do bloco.


o melhor lugar no

SambĂŁo do Povo

curta conosco

sĂĄbado 03/02


6

SEXTA-FEIRA, 2 DE FEVEREIRO DE 2018 j WWW.ESHOJE.COM.BR

Sabor ES

Porque comer com prazer é ainda melhor!

Marcela Bourguignon sabores@eshoje.com.br

Tempero contra os efeitos do Alzheimer O Curry é uma especiaria de origem indiana composta por vários ingredientes, que podem variar conforme a região onde ele foi produzido. Entre esses ingredientes, encontramos: gengibre, pimenta dedo-de-moça, pimenta vermelha, canela em rama, cominho, pimenta-do-reino, cardamomo, cravo, erva-doce, cúrcuma e coentro em grãos. No seu preparo, esses temperos são torrados, moídos e usados em diferentes proporções. O pigmento que dá a coloração amarela ao curry é chamado de curcumina. A curcumina é um importante antioxidante para o nosso organismo, protegendo as células dos danos causados pelos radicais livres. Dessa forma, previne o envelhecimento celular, nos protege de doenças crônicas como as doenças cardiovasculares, câncer e diabetes, e doenças neuro-degenerativas como a doença de Alzheimer e Parkinson, isso acontece devido ao poder que a cúrcuma tem de identificar as chamadas placas amiloides que, em excesso, interferem nas sinapses cerebrais. A curcumina possui ainda efeitos antiiflamatórios, antibacterianos e antivirais. Seu efeito é muito grande nas pessoas que sofrem de artrite ou inflamação nas articulações Além da curcumina outros ingredientes do curry, como a pimenta, aumentam a imunidade do corpo e tem propriedades curativas. Isso porque eles são ricos em vitaminas A, C e B6, que impulsionam as células a combater as infecções. Já a pimenta da Jamaica, anis, cardamomo e pimenta preta podem ser úteis para aliviar problemas de digestão, indigestão, constipação, perda de apetite e dores de estômago. Sua ingestão regular, aliado a bons hábitos alimentares, pode auxiliar no emagrecimento, pois possui uma variedade de aminoácidos e proteínas que ajudam a queimar células de gordura. Na culinária, é uma especiaria que fornece sabor às carnes, peixes, aves, molhos, sopas, frutos do mar, assados em geral e cozidos. Se preparado adequadamente, o prato pode ser de baixo teor de gordura e pouco calórico. Acrescentando 1 colher de chá de cúrcuma ao dia é uma maneira simples e rápida para agregar sabor, além disso um forma econômica de proporcionar diversos benefícios à saúde!

DIVULGAÇÃO

Mistura de temperos e sabores, o curry é rico em benefícios ao prato e à saúde de quem o consome: sua ingestão ajuda a emagrecer

FRANGO AO CURRY

Ingredientes w1

kg de peito de frango cortado em cubos w 2 dentes de alho para temperar o frango w V ou suco de limão para temperar o frango w S a gosto w 1 colher rasa de sobremesa de curry w 1 cebola cortada em anéis w A w T verde

Modo de Preparo: w E

uma vasilha média coloque o alho espremido, o vinagre e o sal. w E seguida adicione os cubos de frango e

deixe tomando o tempero por um tempinho. w E uma panela coloque as cebolas em anéis e um fio de óleo ou azeite. Deixe dourar e adicione o frango. w G até que estejam dourados. Adicione 1 colher rasa (sobremesa) de curry sobre o frango. w S estiver sequinho, coloque um pouquinho de água (ou creme de ricota) apenas para o sabor do curry espalhar-se pelos pedaços de frango. w A o fogo e deixe-os por 2 minutos, com a tampa semitampada. w F com tempero verde.


7

SEXTA-FEIRA, 2 DE FEVEREIRO DE 2018 j WWW.ESHOJE.COM.BR

Moda

Lorena Vago

lorena@eshoje.com.br

É carnaval!

Hora de colocar o bloco na rua e treinar o samba no pé. Separa o glitter, as peças coloridas, o sapatinho confortável e se joga! Para a folia ficar completa, o look precisa estar caprichado. E para dar aquela ajudinha, muitas marcas preparam coleções especiais para a ocasião. E o melhor, tem para todos os gostos. Desde para quem gosta de se fantasiar, até para aquelas que prefere apostar somente no acessório. Como o momento é de folia e o clima quente permitem descontrair, não tenha medo de apostar em maiôs e bodies, destaque para os metalizados e com estampas divertidas. E use e abuse das purpurinas, plu-

mas e paetês, as queridinhas da temporada. Que tal dar uma olhada nas suas roupas e fazer combinações diferentes? É possível criar produções incríveis com o que você já tem. Uma das dicas é juntar duas peças diferentes de paetê e colocá-las no mesmo look. Aposte também na meia arrastão para compor o visual. Se for colorida, melhor ainda. Misture cores, texturas e aproveite ao máximo a energia da época, inclusive no visual! FOTOS: DIVULGAÇÃO

Emporio Life

Jeans de cara nova

Versátil, o jeans está sempre presente no guarda-roupa feminino. Neste verão 2018 ele aparece entre as maiores apostas, porém repaginado em blusas, vestidos e saias com muita fluidez. As peças dentro dessa tendência têm como principal característica o conforto e a leveza, ideal para as altas temperaturas da estação. Os detalhes ficam por conta das aplicações de renda, bordados, tachas, fendas laterais e decotes.

MAR DE LÓTUS - fantasia peixe

Body feminino do Batman

Havaianas Noronha - Óticas Paris

Ultrafeminino

O aviador é um modelo clássico, mas agora ganha design mais delicado e ultrafeminino no modelo 0286/S da grife Fendi. “Desenhado para mulheres poderosas, ele se destaca por seus atributos fashionistas, como as lentes degradê e claras, e a armação super fina em metal dourado com delicadas bolinhas no final das hastes e ponte dupla”, comenta Ana Luiza Azevedo.

Glitter biodegradável

É pra brilhar, mas sem ofuscar ninguém. Muito menos a natureza! Pensando nisso, a Shock, marca com mood fun focada em proteção solar, lançou o Shock Glitter Gel. Aposta para o carnaval, ele possui FPS 25 e está disponível nas cores dourado e prateado. Para não atravessar o samba e prejudicar o meio ambiente, a marca substituiu a purpurina pelo ‘pó de mica’, matéria-prima natural com o mesmo efeito de brilho e que tem a vantagem de ser biodegradável. Assim como todos os outros produtos da marca, o lançamento é vegano e hipoalergênico.

Saia Riachuelo Sandália Marc Jacobs na Farfetch Top JOGÊ

Femininas

Melissa Cute Bag


CLASSIFICADOS COMPRAR • VENDER • ALUGAR • TROCAR • DIVULGAR SEXTA-FEIRA, 2 DE FEVEREIRO DE 2018 j WWW.ESHOJE.COM.BR j ESHOJE@ESHOJE.COM.BR j ANUNCIE: (27) 3395-1800

1

VENDO

Imóveis, Automóveis, diversos

GRANDE VITÓRIA

TROCO casa, Vila Garrido – escadaria, 2 quartos, sala, cozinha, banheiro, SEM garagem, SEM escritura. 45 mil – 27997012376. VENDO / TROCO casa, Vila Garrido – escadaria, 2 quartos, sala, cozinha, banheiro, SEM garagem, SEM escritura. 45 mil – 27997012376. VENDO casa, Vila Garrido – escadaria, 03 quartos, sala, cozinha, banheiro, varanda, quintal, SEM garagem, SEM escritura. 17 mil – 27-997012376. VENDO apartamento, quarto, cozinha, banheiro, varanda, sala, área serviço, reformado, Santo Antônio, frente Santuário, com recibo, 99603-7548 vivo VENDO Terreno Darli Santos VV, lado Gaivotas, 12m x 24m, comercial/residencial, rua asfaltada, documento em dia, plano/ murado, aceito troca veículo R$85.000,00. 99812-2897 vivo. COMUNICADO CONCORD COMÉRCIO E SERVIÇOS EIRELI-ME torna público que obteve a SEMDESU,através do processo n 39973/2017 - cód ativ. 20.07(I) a( LMAR num.221/2017) para atividade de reparação, retífica de máquinas e oficinas mecânicas.. situada na rua Belémnum.704 –Itapoã-Vila Velha –ES. COMUNICADO ANIBAL FERREIRA MATHIAS ME,torna público que Requereu da SEMMA, através do processo n° 2062/2018, Licença Simplificada, paraLaboratório de análises clínicas sem manipulação de substâncias, radioativas e que não realizem análises microbiológicas, na localidade R. PADRE OTAVIO MOREIRA, 336, JARDIM PAULISTA, ITAPEMIRIM - ES COMUNICADO Centro de Serviços Automotivo Stelzer LTDA - ME, torna público que requereu da SEMDEC/SUB-MA Cariacica-ES, através do processo nº 14001/2014, Licença LAR, para Oficina de lanternagem e pintura, na localidade de R. São Vicente, 09, Alto Lage, Mun. de Cariacica/ES.

VENDO Imóvel 520m2, esquina, frente Av. Maruipe, laje, pé direito duplo, afastamento estacionamento 10 veículos, escriturado, área construída 290m2, legalizado, frente 25m. 99812-6199 vivo whatsapp. Vendo casa Alagoano – começo escadaria, sem escritura, sem garagem – 5 cômodos – 75 mil Vendo J.Penha Kitnet, elevador, garagem, 180 mil 99973-1001. Vendo J.Penha 3 qts/Ste, elevador, varanda 460 mil 9-9989-1243. Vendo J.Penha 2 qts Conjunto / Varanda, 250 mil 9-9989-1243 Seja um franqueado. Faça parte da maior rede de chocolates finos do mundo. Passamos o ponto: Av. Presidente Vargas, 137 Centro Fundão. Tel.: 11 94350-2770 Nayane Vendo Casa – Caratoíra (Vitória) – 1º pavimento (começo escadaria) - 02 quartos, sala, cozinha, banheiro e quintal. Sem escritura e sem garagem. R$75 mil ou R$60 mil + parcelas – 99865-0734 Vendo Apartamento – Jardim da Penha – 70m² , 2° andar, 03 quartos com armários, dept de empregada e garagem – Ed Cataurus – Atrás do Sup. Epa – 99527-0404 Vendo Apartamento – Jardim da Penha – 90m² , 03 quartos, Suíte, elevador, varanda e Vaga. Próximo ao Bicho Guloso - Estudo troca em imóvel de menor valor. 99989-1243/3071-0527 COMUNICADO FEMB COMÉRCIO E SERVIÇOS LTDA, torna público que obteve da SEMDESU, através do processo N.42954/2017 a ( LMAR) ( LMS-num.003/2018) cod atividade 3.05 (I ) para atividade de Fabricação de estruturas metálicas na localidade de Rua Cristóvão Colombo Num. 13 Bairro Cristóvão Colombo no município de vila velha. COMUNICADO Ferro Velho Contorno Desmontagem e Comércio de Peças Usadas LTDA, CNPJ Nº 21.899.095/0001-05,torna público que REQUEREU da SEMDEC/SUB-MA, CARIACICA, ES, através do Processo n° 15245/2015 a Licença Ambiental de Operação, para a atividade de TRIAGEM E ARMAZENAMENTO TEMPORÁRIO DE MATERIAIS SÓLIDOS REAPROVEITÁVEIS COM PRODUTO OU RESÍDUO PERIGOSO, INCLUSIVE FERRO – VELHO, na localidade de Rua Clarício Alves Ribeiro, nº 1677, Térreo, Santa Cecília, no município de CARIACICA - ES.

2

ALUGO

Imóveis, Automóveis, diversos

GRANDE VITÓRIA

ALUGO - R$820,00 –Sala 39 m² + 1 vaga de garagem no Centro Empresarial da Serra – Laranjeiras, Cond. R$275,00, (27)9811-5129 Aluga-se casa e quitinete em Jardim America - Cel.: 27-99629-3378 Alugo Casa para Temporada - Meaípe (Guarapari) - Duplex, 3 quartos, 2 suítes, 2 banheiros social, 2 salas, cozinha, despensa, área, churrasqueira, varanda, quintal e garagem coberta. Acomoda até 20 pessoas. - Maria 3022-2878 / 99928-1951 Alugo apt° - Morada de Laranjeiras - cond. Fechado - 3ª andar, 2 quartos, Sala, Banheiro, Cozinha, Área de serviço, 1 vaga, port. 24hs, área de lazer, churrasqueira, salão de festas. R$700,00 – c/ cond. incluso – 99231-3143/ 3019-1918 Alugo Kitnet - Praia do Canto - Em frente ao Boulevard - Residencial Bali, mobiliada, R$ 795 + condomínio. 99989-1243 Alugoapt°- Jardim da Penha (Novo) – Póximo a Ufes e ao Sup. Carone. 2 quartos, sala, cozinha, elevador e garagem - 27 999810691 Jorge. Alugo apt°- Cachoeiro – 3 quartos, sala cozinha, sala e garagem - 28 3522 9099. Alugo Kitnet - Centro de Iriri – mobiliado com garagem. Aluguel Anual - 28 999351341/ 3533-1117. COMUNICADO GARRAFIX COMERCIAL DE PEÇAS LTDA EPP, CNPJ Nº 05.587.751/0001-70,torna público que REQUEREU da SEMDEC/ SUB-MA Cariacica, ES através do processo nº 3984/2018-1 a Licença Ambiental Simplificada, para atividade de Pátio de estocagem, armazém, ou depósito para cargas gerais, na localidade de Rua João Capistrano, 176, Santa Bárbara – Cariacica/ES COMUNICADO A GRAMIC – GRANITOS E MÁRMORES LTDA, torna público que obteve junto ao IEMA, através do processo no 26858410, renovação de Licença de Operação (LO), para extração de blocos de rocha para fins ornamentais, na Fazenda Granada, zona rural do município de Alegre-ES.

3

SERVIÇOS

Alimentação, Consórcio, Reparos, etc.

GRANDE VITÓRIA

Cotação online de Seguro Auto, Residencial, Moto, Viagem - Guarapari Corretora de Seguros. Massagista, moreno, Cariacica. Atendimento diferenciado - segunda à sábado até 18:00 - 027-9-97441668 WANDERSON – climatização, instalação e manutenção de ar condicionado – 27-99888-8667 – mig.wanderson@ gmail.com SOS Pronto Socorro dos Manequins – reformas de manequins, pinturas especiais, compra, vendo e alugo – 98828-5027 99246-1625 Funcionários da PMV que desejarem adquirir o cartão Mastercard Internacional gratuito do Banco Daycoval sem SPC ou Serasa. Ligar para Carvalho 27 – 99507-3978 Legalizamos alvará de Func. Corpo de Bombeiros; Síndicos perante RFB –legalizevitoria@gmail.com. Advocacia: Trabalhista, Civil, Família e Criminal - Fernanda Prates - 999643150 / 99745-5064 Faço coxinhas congeladas (tamanho médio) para seu lanche - Pronta Entrega. 9.9811-5523 COMUNICADO Maringá Mármores e Granitos LTDA-ME, torna público que obteve através do Processo nº 32746/2014, a LAR/SEMDEC/ GFA/Nº 52/2016 para atividade de Beneficiamento de Mármores e Granito, na Rua Santa Leopoldina, nº 37, Vila Capixaba, Cariacica, ES. COMUNICADO M. A. TONIATTO AUTO SERVIÇO - ME torna público que requereu da SEMDEC/SUB-MA Cariacica, ES através do processo n° 1201/2018-1 a Licença Ambiental Simplificada para SERVIÇOS DE MANUTENÇÃO E REPARAÇÃO MECÂNICA DE VEÍCULOS AUTOMOTORES na localidade de Vila Capixaba, Município de Cariacica-ES.

4

EMPREGO

Diversos

GRANDE VITÓRIA

Ofereço-me para trabalhar em Consultório, Clinicas ou Escritórios - de 13 às 19 horas. Sou aposentada, nível superior, facilidade em assimilar conhecimentos, aceito sal.mínimo – 30392202/997129889 Ofereço-me para trabalhar como Porteiro ou Aux de Serviços Gerais – Possuo curso de Portaria, e resido em Cariacica – 99949-0604 Ivonete. Ofereço-me para trabalhar como Garçon (Freelancer) para Festas e Eventos. Formação Senac – 99913-4971 – Alessandro. Ofereço-me para trabalhar como Pedreiro, área de construção civil ou Serviços Gerais -Disponibilidade para qualquer local - 99717 2657 COMUNICADO RR MOTOS LTDA, torna público que Requereu da SEMDESU, através do processo n° 03888/2018, Licença LMAR, para ATIVIDADE DE OFICINAS MECÂNICAS, COD. 20.07(I), na localidade de AV SANTA LEOPOLDINA, PRAIA DE ITAPARICA, N° 5, CEP: 29.102-041, Município de VILA VELHA – ES. COMUNICADO “TR ACOMAL TERR APLENAGEM E CONSTRUÇÕES MACHADO LTDA”, “CNPJ n°.” 27.143.007/0001-19, torna público que REQUEREU da SEMMA, através do Processo n°. 49.376/2007, a prorrogação da Licença Municipal de Operação n°. 007/2014, para a atividade de “REPARAÇÃO, RETÍFICA OU MANUNTENÇÃO DE MÁQUINAS, APARELHOS E EQUIPAMENTOS INDUSTRIAIS E MECÂNICOS DIVERSOS, INCLUSIVE MOTORES AUTOMOTIVOS, COM OU SEM PINTURA POR ASPERSÃO, INCLUINDO OFICINAS MECÂNICAS” na localidade de Av. Brigadeiro Eduardo Gomes, 208, Bairro São Geraldo, município da Serra – ES.

COMUNICADO M AT E U S R A M A L H O D A C U N H A 07941760703,torna público que Requereu da SEMA, através do processo n° 1799/2018, Licença LAR, paraFabricação de produtos de limpeza e polimento, na localidade Fernando Dutra de Sá Jr., s/nº, Village da Praia, Guarapari- ES

COMUNICADO VESPOR AUTOMOTIVE DISTRIBUIDORA DE AUTOPEÇAS ME, torna público que requereu da SEMDESU, através do processo nº 55914/2015, a Renovação da Licença Municipal Ambiental Simplificada, para atividade de pátio de estocagem, código 18.07(N), na localidade de rua Ana Merotto Stefanon, 743, Cobilândia, Vila Velha/ES.

COMUNICADO PEDRO JOSÉ CELESTINO – Delícias de Minas – ME, torna público que obteve da SEMDESU, através do processo nº 40.858/2017, LMAR (LMS) Nº 126/2017 para a atividade de Fabricação de massas (CÓD. 12.11 (I)), na localidade de Rua Japaguá, 22, Alvorada, Vila Velha-ES.

COMUNICADO VLAMAR INDÚSTRIA E COMÉRCIO LTDA ME, torna público que requereu da SEMDESU, através do processo n.68367/2014 a LMAR (LMS) ( cód 12.26 ) ( I) para atividade de Fabricação de tortas , Sorvetes .., na localidade de Rua 03 – Quadra 11 – Novo México – Vila Velha – ES.

Jornal ESHOJE_682  

As chuvas que atingem o Espírito Santo não conseguem realizar a recarga hídrica nos rios capixabas

Jornal ESHOJE_682  

As chuvas que atingem o Espírito Santo não conseguem realizar a recarga hídrica nos rios capixabas

Advertisement