Page 2

2

Opinião

SEXTA-FEirA, 6 dE jAnEiro dE 2017 j www.EShojE.com.br

fOTO DA SEmAnA

ESPAÇO DO LEITOR raphael simões

O ano começou com o aumento das passagens de ônibus do Sistema Transcol e reação popular

EDITORIAL

Regionalizar é a solução Um por todos. O lema dos mosqueteiros pode solucionar problemas de todas as grandezas neste período de crise. Época que sabemos quando começou – outubro de 2015 – mas vai saber quando estaremos livres. Pior: se nos livraremos... O fato é que o trabalho em conjunto é mais do que necessário (imprescindível!), e parece que os prefeitos capixabas começaram a entender isso. Esse entendimento será bom para todos. As administrações poderão pensar de forma coletiva problemas que todas enfrentam, os prefeitos encontrarão soluções e norte em suas gestões, a população será beneficiada com serviços de qualidade e, possivelmente, com menor chance de carências, e o governo estadual deixará de receber chefes do Poder Executivo dos municípios com o pires na mão. Em entrevista a ESHOJE em novembro de 2016, o ex-prefeito de Vitória e ex-diretor-presidente do Banco do Desenvolvimento do Espírito Santo (Bandes), Luiz Paulo Vellozo Lucas, destacou as vantagens da regionalização dos municípios. Na época disse que é preciso haver um compartilhamento de responsabilidade para as coisas funcionarem melhor. Quem sabe assim, o sistema público de transporte encontre solução? Sinal disso é que enquanto o governo Paulo Hartung nunca quis retomar as atividades do Aquaviário, as prefeituras de Vitória, Vila Velha e Cariacica – que juntamente com Viana e Serra já trabalham a Região Metropolitana – decidiram arregaçar as mangas e, de forma independente viabilizar a retomada do sistema. O povo agradece. Desde sua primeira gestão, Hartung, quando não pedia que esse tema ficasse de lado e os repór-

A opinião dos colunistas não reflete o posicionamento do veículo

teres deixassem de abordar alegando tamanha complexidade, justificava sua posição contrária como o alto custo. Explicação que todos entendemos, se não fosse apresentado junto a falta de interesse. E, se esse sistema não fizesse tanta falta para os usuários do transporte público. Afinal, nem só de obra e rodízio de placas se faz a mobilidade pública. Não dá para rasgar ruas e avenidas, e abrir mais caminhos para carros, porque é em velocidade superior que se aumenta o número de veículos nas ruas. “Tem alguns temas que são urgentes, como Transcol, por exemplo. Vitória não vai ter mais sistema municipal de ônibus, e Vila Velha ainda tem o seu, e tem que ser um único órgão metropolitano tendo as prefeituras gerindo como conselho de administração de uma empresa”, disse. Tirar o peso dos ombros do governo estadual com alguns temas, é tirar a dependência das prefeituras ao Palácio Anchieta. A regionalização das cidades – e isso vai além da Região Metropolitana – melhora o poder de negociação entre prefeitos e governador. Conforme o ex-prefeito destacou, o Espírito Santo tem dez microrregiões e elas podem ser organizar em cadeia. Boa semana! Boa leitura!

tiragem: 5.000 exemplares circulação: Grande Vitória e digital periodicidade: Semanal

diretor geral carlos roberto coutinho carlos@eshoje.com.br

rua Paschoal delmaestro, 260 Ed. Vila da Praia, Sl. 5 e 6 - jardim camburi - Vitória - Espírito Santo cep. 29.090-460 Tel. 27 3395-1800/Fax. 3395-1801 www.eshoje.jor.br redacao@eshoje.com.br

diretora administrativa bianca coutinho bianca@eshoje.com.br

Mensagem aos vereadores serranos

os vereadores reeleitos e eleitos, pela primeira vez, enfrentaram com sucesso, cada um com seu estilo, o grande vestibular democrático do dia 02 de outubro de 2016. Assumem a câmara municipal da Serra trazendo consigo um grande compromisso de honra com os eleitores que acreditaram em suas mensagens de trabalho, esperança e realizações de bons projetos voltados ao desenvolvimento desta cidade. E imprescindível a busca do diálogo, do entendimento, para que o nosso município não saia perdendo com posturas radicais. Acredito que os Vereadores têm plena consciência de suas responsabilidades com esta cidade moderna, dinâmica e sedenta de maior desenvolvimento. Eventuais rusgas remanescentes do último pleito devem ser deixadas de lado porque hoje, esta cidade, está acima de partidos e de quaisquer outros interesses particulares, devendo prevalecer, acima de tudo, o bem comum e o supremo interesse pelo bem das comunidades. com esta visão, abraço e cumprimento, com consideração, todos os Vereadores, confiante que, sem abrirem mão de sua independência e honestidade pessoal, haverão de ter uma excelente atuação em favor deste município e uma boa relação com a Administração municipal liderada por Audifax barcelos, porque afinal de contas o interesse de todos é um só: o bem e o progresso desta terra! Walmir Mangabeira - Presidente da Associação de Moradores de São Marcos II

Novidades legislativas

duas novas opções políticas se apresentam no quadro político de Anchieta e Guarapari. dois jovens promissores e pro eficientes são os novos presidentes das casas de Leis desses municípios, Tassio brunoro e wendel Lima, parabéns, e bola para frente. Estamos torcendo por eles e os outros pares. houve uma mudança bastante significativa, uma mescla de

veteranos com esses novinhos. Julio Frauches

Grandeza

o Presidente obama e sua família ofereceu um almôço de final de ano a todos os funcionários da casa branca que passaram oito anos servindo a família, entretanto nessa última ceia foram os obamas que ser viram os funcionários, mostrando que os bons exemplos de grandeza e humildade devem vir de cima para baixo. Esse exemplo nunca passou pela cabeça desses nossos políticos que se aproveitam e tratam o povo como palhaços. Carlos Loureiro

Assalto no aeroporto

A tentativa de roubo que aconteceu na pista, uma área restrita, do aeroporto de Vitória não chega a surpreender. o episódio que aconteceu no dia 3 de janeiro é resultado da segurança desse terminal, que é e sempre foi a pior de todas. Adelson Spessemilli Bianchi

Táxi X Uber 1

A segurança na utilização de táxis e Uber tem sido uma discussão intensa e constante nos últimos tempos. mas esporadicamente a Polícia faz blitz nos táxis, por ser fácil identifica-los. mas como fará pra identificar um Uber? Francis Coppi

Táxi X Uber 2

os motoristas de Uber estão reclamando da falta de segurança, por não terem dados dos passageiros, mas nós passageiros também estamos inseguros. não deixo de usar táxi para ir de Uber. Masselly Gaudio Rios

Táxi X Uber 3

É mais fácil o motorista ter medo do passageiro, pois a ficha do motorista e bem completa com a Uber, do que o contrário. Sempre utilizo Uber, pois, nos táxis, a cada dia é um motorista novo. Samuel Caetano

twitter: @eshoje / facebook: eshoje / instagram: /jornaleshoje/

projeto gráfico renon Pena de Sá e Patrícia Araújo www.renondesign.com fotografias Arquivo redacao@eshoje.com.br

diagramação diretora de redação/editora danieleh coutinho - mTb/ES 2694-jP jeferson Louis - mTb/ES 3605/ES danihcoutinho@eshoje.com.br

redação dóris Fernandes Gustavo Gouvêa hanna carolina Larissa barcelos Thaís rossi

Jornal ESHOJE_626  

O custo de R$ 284.259,40 gastos na reforma da residência oficial do Governo do Estado, na Praia da Costa em Vila Velha, pagaria um imóvel em...

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you