Issuu on Google+

www.eitaxi.com.br

Edição mensal . Distribuição Gratuita . 10.000 exemplares

Direito de explorar serviço de táxi poderá passar de pai para filho Pág. 07

ANO III, nº 28

Dezembro 2012 Salvador-BA

Salve-se quem puder! chicletee oba! oba!

Com essa sensação, os soteropolitanos veem oito anos de governo de João Henrique (PP) chegar ao fim. Pág. 09

Taxistas e passageiros estão sendo prejudicados pelo sucateamento da Getax Pág. 08

Apertem os cintos... O piloto sumiu!


Pág. 2

ANO III . Número 28 . Dezembro 2012 . Salvador-BA

Editorial

Adriano Rios

Expediente

Ei Táxi

Bandeira 2 em qualquer horário durante o mês de dezembro, 13º da categoria!

A matéria de capa traz uma breve análise do que foi a administração de João Henrique (PP) nesses dois mandatos. Uma administração que jamais vamos esquecer. Quero dizer, que jamais vamos querer lembrar. Pois é, os dois mandatos de JH foram pra ficar na história da cidade. Péssima administração, escândalos financeiros e amorosos, sucateamento da máquina pública e uma tremenda falta de comprometimento com suas responsabilidades e com o seu povo. Oh, será que ninguém se lembra de que ano passado enquanto a cidade derretia por causa das chuvas, o prefeito de Salvador fazia feira no Mercado Municipal de São Paulo? Porque nós, sim. Lembramo-nos dessa e de outras tantas em que João estava mais ocupado com seus momentos de diversão do que com os afazeres da cidade. Para ilustrar a matéria de capa, Abel Marcelino, estudante de Artes com ênfase em design pela Universidade Federal da Bahia (UFBA), brinca como numa história em quadrinhos e faz uma amostra do que foi a saga do prefeito João. A partir desta edição, Abel presenteará o nosso leitor com seus traços numa coluna em que brincaremos com diversos temas e personalidades. Também fizemos uma análise sobre o resultado das urnas para os taxistas candidatos. Independentemente do resultado, o que ficou visível é que a categoria ainda não entendeu a necessidade de ter um representante na casa legislativa municipal. Serão mais quatro anos sem um representante taxista na casa. Eventos, confraternizações, denúncias e a esperança que se renova a cada ano com a chegada do Natal também estão nessa 28ª edição. Mais uma vez abrimos as páginas para que nosso leitor possa expressar a sua indignação, comemorar as suas conquistas e confraternizar-se entre si. A cada dia o Ei, Táxi se fortalece como o veículo de comunicação da categoria. O jornal onde o taxista se vê. Feliz Natal e um 2013 de muito sucesso, amigo taxista. Atenciosamente,

www.eitaxi.com.br

Como a categoria não ganha o 13º salário, como os profissionais de carteira assinada, os taxistas estão cobrando desde o início do mês corrente a bandeira 2 em qualquer horário. Segundo a Superintendência de Trânsito e Transporte do Salvador (Transalvador), a medida está prevista no Decreto 17.004, de 29/11/2006. Ainda de acordo com a Transalvador, a cobrança só valerá para o mês de dezembro por conta do grande número de turistas que frequentam a capital baiana durante o período de alta estação. A medida busca beneficiar a categoria que, atuando em uma cidade turística como esta, sofre com as alternações de períodos de alta e baixa estação, refletindo diretamente na renda da classe. Portanto, como são permissionários e não são beneficiados com 13° salário, exclusivamente no mês de dezembro, são autorizados a trabalhar com Bandeira 2 em qualquer horário. Geralmente, a cobrança de bandeira 2 só é feita à noite durante a semana, e aos domingos e feriados em qualquer horário. Com isso, a cobrança fica R$ 3,75 da bandeirada e R$ 2,59 por quilômetro rodado durante todo o dia. A medida será válida até o dia 31 de dezembro. Fonte: Ascom (Transalvador)

Transalvador regulamenta estacionamento na Av. Sete de Setembro no período natalino Diante da necessidade de disciplinar o estacionamento de veículos na Avenida Sete de Setembro durante o período natalino, a Superintendência de Trânsito e Transportes do Salvador (Transalvador) regulamentou área para estacionamento de curta duração naquela via (lado direito, no trecho entre a Rua Renato Medrado / Politeama e o Largo de São Bento), no período entre os dias 01 a 31 de dezembro de 2012. O órgão proíbe o estacionamento de caminhões, ônibus, vans e microônibus, no lado direito da via, durante o mesmo período. As atividades de estacionamento, embarque e desembarque, carga e descarga, continuam mantendo o mesmo tipo de regulamentação imposta pela sinalização, no lado esquerdo da via. Fonte: Ascom (Transalvador)

Errata Divulgamos na edição passada, nº 27, a tabela errada da chegada de navios no porto de Salvador, cuja data era do ano passado. Nesta edição colocamos novamente a tabela com as datas corretas.

Fazendo a sociedade conhecer os nossos problemas e anseios, estaremos compartilhando os nossos objetivos e colaborando para uma cidade melhor. Após a sua leitura, ofereça o seu Jornal Ei, Táxi ao passageiro, amigo ou familiar. Construa o Ei, Táxi conosco. Envie sua mensagem, entre em contato pelos canais 71 3498-9731 | 9152-2172 | jornalismo@eitaxi.com.br e www.eitaxi.com.br CNPJ: 12.987.045/0001-80 Diretor Executivo e Editor: Adriano Rios - CRA 2-00306, Colunista: Cap. Tadeu Fernandes, Revisão: Anariel Rios, Estagiária em Jornalismo e Diagramação: Yasmin do Vale, Edição: mensal Tiragem: 10.000 exemplares Distribuição Gratuita em toda Salvador e região metropolitana. Impressão: A TARDE. O conteúdo dos anúncios e informes publicitários são de responsabilidade do anunciante e não necessariamente expressam a opinião do jornal. Comercial: (71) 3498-9731 / 9152-2172 comercial@eitaxi.com.br. Jornalismo: jornalismo@eitaxi.com.br.

A SALVADOR BAHIA TAXI convoca os taxistas Aumente sua Renda, se afiliando à SALVADOR BAHIA TAXI, que está com novos contratos e investimentos nas midias como Shoppings, edificios comerciais, internet, bares e restaurantes. Fechamos com novos convênios e estamos efetuando a troca de recibos com pagamento no ato. O taxista interessado em associar-se deverá entrar em contato com a SALVADOR BAHIA TAXI, pelos seguintes contatos: (71)3321-3500 / (71) 3011-8470 ou adm@salvadorbahiataxi.com.br.


Pág. 4

www.eitaxi.com.br

ANO III . Número 28 . Dezembro 2012 . Salvador-BA

Ei Táxi

Agenda Cultural

Réveillon 2013, fique atento às corridas

Por: Saulo Carregosa

Salvador, Incomparável Área Verde do Othon Palace Hotel Atrações: Banda Eva e Jau | DJ Renata Dias Ingressos: R$ 390 (primeiro lote | open bar) Vendas: Ticket Mix

Amado 2013

D’Licia

Restaurante Amado na Av. Contorno Atrações: DJs Ariel e Ruy Santana | Banda Bailinho de Quinta Ingressos: R$ 700 e R$ 850 Vendas: Restaurante Amado

Réveillon do Forte Eco Espaço Praia do Forte (área verde da antiga pista de pouso) Atrações: Seu Jorge, Psirico e Tucá Fernandes Ingressos: R$ 330,00 e R$ 650,00 (camarote all inclusive) Informações: 71 3235-9486

O

melhor

ré-

veillon do mundo Hotel Canto do Mar (Guarajuba/Ba) Atrações: Cheiro de Amor, Harmonia e Seu Maxixe Ingressos: Arena R$ 150,00 |

Fundação Casa de Jorge Amado, no Pelourinho.

Área Vip R$ 250,00 | Camarote Lounge R$ 350,00 Informações: 71. 4003-1212

Réveillon do Farol Farol da Barra Atração: Carlinhos Brown Gratuito

Foto: Divulgação


ANO III . Número 28 . Dezembro 2012 . Salvador-BA

Ligue Táxi comemora 28 anos, domingo, dia 16

A Cooperativa Ligue Táxi irá comemorar 28 anos de existência, dia 16, domingo, a partir das 9h. A festa acontecerá no SEST SENAT de Simões Filho, região metropolitana de Salvador, próximo à Sudic. Além do aniversário, os cooperados irão disputar a grande final do campeonato interno de futebol. Bandas, churrasco e sorteios de brindes farão a alegria dos taxistas e de seus familiares. Para registrar esse dia especial, o Ei, Táxi estará cobrindo os momentos de confraternização da família Ligue, mas também levará os seus parceiros, que distribuirão brindes e farão exposição de seus produtos.

www.eitaxi.com.br

Ei Táxi

Elitte Táxi promoveu a Semana de Qualidade de Vida A Elitte Táxi promoveu no mês de novembro, último, a “SEMANA DE QUALIDADE DE VIDA”, contemplando somente os funcionários internos. Entre os dias 26 e 30/11, os colaboradores tiveram palestras sobre primeiros socorros, aferição de pressão, orientação alimentar, atividades físicas, dentre outros; e no encerramento houve sorteios e uma aula de encerramento. Com o evento a diretoria da Elitte, leia-se Marcos Gondim e Maia Lino, mostrou que a empresa está atenta às necessidades dos funcionários, diante dos stress do dia a dia. Outras ações, desenvolvidas pela diretoria e come-

Foto: Ei, Táxi

Pág. 6

Funcionários da Elitte Táxi fazendo exercício no aulão de encerramento

moradas pela turma que trabalha na Elitte foram as palestras ministradas pelos próprios funcionários com assuntos pertinentes ao trabalho e à família. Mais exemplos de valorização do colaborador. De acordo com Lu-

cília Santana, auxiliar administrativa, o objetivo da empresa é muito interessante. “Esses eventos além de integrar as nossas famílias junto à empresa, também diminuem as tensões que desenvolvemos durante o dia de ta-

refas, uma vez que a pessoa se sente mais relaxada para trabalhar e, consequentemente, irá render muito mais”, destacou Lucília.

Ei Táxi

www.eitaxi.com.br

ANO III . Número 28 . Dezembro 2012 . Salvador-BA

Pág. 7

Direito de explorar serviço de táxi poderá passar de pai para filho Por: Yasmin do Vale O direito de exercer a atividade de taxista passará aos seus herdeiros, segundo aprovação, no dia 05/12, de substitutivo da Câmara dos Deputados ao Projeto de Lei do Senado (PLS 253/2009), com a participação do presidente da Confederação Nacional do Transporte (CNT), senador Clésio Andrade. A emenda do ex-senador Expedito Júnior (PR-RO) permite que filhos dêem continuidade à atividade dos pais e o texto determina que, após a transferência, o veículo só poderá ser conduzido por pessoa habilitada. A transferência deve ser feita com a concordância do poder público que exerce a fiscalização. Com a autorização como única

forma de cede da exploração do serviço de táxi, haverá simplificação, racionalização e controle da atividade, podendo favorecer a entrada de mais profissionais no mercado e o aumento da concorrência deverá beneficiar o consumidor. A emenda também atualiza a lei que trata das contribuições previdenciárias de auxiliares de motoristas autônomos (Lei 6.094/74), para prever que auxiliares de condutores individuais de veículos rodoviários contribuirão para o Regime Geral de Previdência Social igual aos contribuintes autônomos e determina ainda que o contrato entre autônomo e auxiliares é de natureza civil, sem vínculo empregatício.

Renan Calheiros, Paulo Paim e João Durval analisando o projeto na comissão

Na Bremen, o taxista retira suas isenções totalmente grátis.

NOVO VOYAGE CITY 1.6 2013 Ar-condicionado / Direção hidráulica Vidros elétricos / Travas elétricas

R$

25.500,00

À vista

VENDEDORES ESPECIALIZADOS

TAXAS DE FINANCIAMENTO ESPECIAIS

Respeite os limites de velocidade. RETIRO COSTA AZUL FEIRA DE SANTANA (71) 3380-8018 (71) 3380-8116 (75) 2101-9031 Imagens meramente ilustrativas. Veículo com desconto de IPI e ICMS com alvará. Pedidos feitos diretamente da fábrica e não disponíveis no estoque na concessionária. Reservamo-nos o direito de corrigir qualquer falha gráfica e/ou erro de digitação. Promoção válida até 31/12/2012 ou enquanto durar o estoque.

www.voudebremen.com.br


Pág. 8

ANO III . Número 28 . Dezembro 2012 . Salvador-BA

www.eitaxi.com.br

Ei Táxi

Cadeira para um taxista, só daqui a quatro anos

Ei Táxi

www.eitaxi.com.br

ANO III . Número 28 . Dezembro 2012 . Salvador-BA

Pág. 9

Apertem os cintos... o piloto sumiu! Por: Adriano Rios

Por: Adriano Rios O resultado apresentado pelas urnas na última eleição para vereador em Salvador, mostrou que a categoria permanece sem um consenso sobre um colega como representante político. Essa falta de compreensão sobre o papel do edil, poderá custar caro ao taxista nos próximos quatro anos. Dos dez taxistas candidatos que disputaram o voto da classe, quatro deles procuraram o Ei, Táxi para apresentar seus projetos de campanha. Valdeilson (presidente da AMT - Associação Metropolitana de Taxistas) pelo PCdoB, Jaiminho Dias (cooperado da Ligue Táxi) - PV, Cohim (cooperado da Comtas) - PMN e Paulo do Táxi (filiado à Rádio Táxi) - PR. Além da turma da praça, uma representante da Getax (Gerência de Táxi e Transporte Especiais), Magnólia Luz (PCdoB) também disputou os votos da categoria.

Dos candidatos Jaiminho, que obteve 668 votos, Cohim com 517 e Paulo do Táxi com 256 eleitores não se poderia esperar muito. Novatos nas urnas, campanhas limitadas financeiramente, lançadas tardiamente e divididas entre a batalha pelo voto e as corridas do dia a dia, ou seja, nenhum pôde se dedicar integralmente ao pleito eleitoral. No caso do candidato Cohim, essas dificuldades se somaram à não participação dos programas de rádio e TV, já que o mesmo optou por apoiar o democrata, ACM Neto, enquanto seu partido, PMN, era da base da campanha do petista Nelson Pelegrino. Para eles, essa corrida apenas começou. Portanto, não assumem o título de reprovados. Todavia, a candidatura de Valdeilson teve características opostas. Ele já tem seu nome lançado em outras duas tentativas, teve apoio de outras associações e empresas de rádio

táxi, muito material de campanha e, claro, experiência de longas datas. Peculiaridades para o levarem a uma boa votação. O que não ocorreu. Ao contrário, Valdeilson teve o seu pior desempenho nas urnas (1.350 votos), mesmo tendo toda uma circunstância favorável. Em 2008, como candidato à Câmara Municipal ele teve 1.875 votos. No ano de 2010, a tentativa foi para a Assembleia Legislativa, ficando com 2.092 votos. Para ele, esse resultado é desanimador, pois apesar de estar na sua terceira tentativa os números mostraram uma queda no seu eleitorado o que sinaliza para uma tendência de reprovação entre a categoria. A surpresa dessa eleição foi, sem dúvida, Magnólia Luz, mais conhecida como Bereguedê. Mesmo não sendo da classe, ela entrou na briga e abocanhou 2.117 votos. Magnólia se dedicou na campanha,

buscando o voto dos taxistas no corpo a corpo. Muitos justificaram a votação dela à forma como ela atende à categoria na Getax, atenciosa e sempre com um sorriso no rosto. Se todos os votos fossem computados para apenas um dos candidatos, esse teria alcançado 4.908 votos e hoje, a perspectiva poderia ser outra. Dos vereadores eleitos na capital, cinco não alcançaram essa marca. Foram eles: Alemão (PRP) 4.551 votos, Everaldo Augusto (PCdoB) 4.481, Leandro Guerrilha (PSL) 4.376, Silvio Humberto (PSB) 4.123 e Vado (DEM) 4.059 eleitores.

tegoria. São eles que têm a maior possibilidade de reivindicar os anseios dos seus eleitores junto à administração da cidade. O prefeito, mesmo com toda a sua equipe, não conseguirá acompanhar de perto todos os problemas que cada bairro ou classe enfrenta diariamente. Resta agora, bater na porta de um dos eleitos para que olhe pela categoria, uma vez que isso não tem acontecido, até então.

Foto: Ei, Táxi

O calendário de vistorias que já é longo, por falta de funcionamento do órgão em dois períodos, agora se vê comprometido em 2012. O problema é grave, não só pela categoria que está impossibilitada de trafegar com o veículo de forma regular, mas, principalmente, pela população que fica desprotegida contra acidentes e táxis clonados, os famosos “geladeiras”.

seus eleitores, largando um belo presente de Natal para o próximo prefeito, ACM Neto (DEM). A comparação parece engraçada, não fossem as vítimas da realidade: a capital baiana e seu povo. Eleito em 2004 para o primeiro mandato com quase 75% dos votos válidos, João Henrique (naquela época PDT) surgia como uma opção de mudança. Os resultados das urnas, re-

entraram para a história da cidade como a pior administração que Salvador teve, segundo depoimento de diversos políticos como o deputado federal Jutahy Júnior (PSDB) e do ex-prefeito Mário Kertész (PMDB). Dois fatos sustentam essa afirmação: o índice de rejeição (79%) atingido por João, segundo o Ibope, o que lhe impôs o título de pior prefeito do Brasil, mas também a

trangulamento do trânsito da capital, devido à falta de planejamento e ordenamento viário; a implantação de uma indústria da multa, uma verdadeira caixa registradora dos cofres públicos; a condução da saúde municipal à UTI; o abandono completo da cidade, suja e mal tratada; e a derrubada das barracas de praia, impostas pela justiça federal, porém realizada sem que houvesse um

tecnicamente por especialistas. É, de fato, todos fazem parte de uma caixa de Natal às avessas que João está deixando para Neto. Agora, resta à população da Boa Terra não só torcer para que o novo prefeito, ACM Neto, faça uma boa administração como também fazer a sua parte, agindo com educação e civilidade. Assim, quem sabe, ao invés de uma

o comando de uma aeronave desgovernada após a tripulação sucumbir à comida contaminada do voo. No filme, os heróis conseguem aterrizar o avião e salvar os passageiros à bordo, mas deixam todo o terminal aéreo destruído. Aqui não é um avião, mas uma caixa de Natal, o mocinho e sua namoradinha também não são heróis coisa nenhuma, ao contrário, ejeteram em disparada antes que a caixa se feche com eles no meio dos problemas, deixando um “salve-se quem puder” para seus liderados e

presentaram para os críticos e não bem entendidos do assunto que a população de Salvador queria mudanças, e assim impôs ao PFL do ex-senador, Antônio Carlos Magalhães, uma derrota histórica. Mesmo com notável apoio popular JH não soube usar o manche pra pilotar o Boeing que tinha nas mãos. Desde o início, deu sinais de que administrar e liderar não seriam termos bem empregados nos seus governos. Recheados de erros e escândalos, os dois mandatos do atual prefeito já

reprovação das contas do município, anos de 2009 e 2010, pelo Tribunal de Contas do Município (TCM). O que foi acompanhado pela Comissão de Finanças da Câmara Municipal. Pulando de galho em galho, entre o PDT, PMDB e PP, João loteou a prefeitura com diversos cargos e uma supertroca de secretariado; um PDDU (Plano Diretor de Desenvolvimento Urbano) envolvido em escândalos, sem participação dos setores técnicos e sem conhecimento da população; o sucateamento da Transalvador e o es-

projeto que amparasse as centenas de famílias que viviam daquele negócio. Esses, foram alguns dos erros que marcaram os dois mandatos de João Henrique, e que, acima de tudo, custarão caro à cidade. Não fossem tantos males já causados, JH tenta emplacar uma concessão para o recolhimento do lixo que pode inviabilizar o setor e prejudicar as finanças da cidade por até 20 anos. E, no apagar das luzes, ele aparece com uma tal de Linha Viva, um projeto viário que já nasceu inviabilizado

caixa de problemas, Salvador e os soteropolitanos sejam presenteados com uma caixa de natal recheada de boas notícias, no fim do próximo ano.

O fato é que a categoria continuará sem o seu representante na casa legislativa do município por mais quatro anos. O taxista de Salvador ainda não entendeu que o papel do vereador, dentre outros, é de representar a sua comunidade, seja ela um bairro ou uma ca-

Taxistas e passageiros estão sendo prejudicados pelo sucateamento da Getax É lamentável a situação atual da Gerência de Táxi e Transportes Especiais (Getax). O órgão que é uma extensão da Transalvador e há tempo só funciona pela manhã, nos últimos dias tem enfrentado sérios problemas: paralisação de funcionários, devido a salários atrasados, falta de água no prédio, impressoras quebradas e falta de adesivos que certificam a vistoria dos táxis.

Com essa sensação, os soteropolitanos veem oito anos de governo de João Henrique (PP) chegar ao fim. Numa alusão invertida e cretina, pra não dizer trágica, Salvador mais parece o avião da comédia americana “Apertem os cintos...o piloto sumiu”, sucesso de bilheteria em 1980, na qual um ex-piloto neurótico (Ted Striker) e sua namorada (Elaine), têm que assumir

Não custa lembrar que no verão os turistas pintam na Boa Terra em número maior e o serviço de táxi é essencial a eles. Não bastasse tantas notícias ruins que surgem do Palácio Tomé de Souza, agora mais uma pra ACM Neto “queimar a mufa”.

Táxis em Salvador rodam sem o adesivo de vistoria


Pág. 10

www.eitaxi.com.br

ANO III . Número 28 . Dezembro 2012 . Salvador-BA

Ei Táxi

Ei Táxi

www.eitaxi.com.br

ANO III . Número 28 . Dezembro 2012 . Salvador-BA

Pág. 11

No ferry, o estoque da fila está de volta governadoria, no CAB. Sensível à solicitação dos taxistas, Alencar deu um presente de Natal antecipado àqueles profissionais e determinou que o interventor da Agerba, Bruno Amorim da Cruz, que controla o sistema, reutilizasse a área como estoque da fila. E assim foi feito. “Foram sei anos, disputando espaço com os carros particulares e com os feirantes na área externa do terminal. Agora, graças a Gilberto que conseguiu marcar a reunião, o vice-governador nos atendeu sem meias palavras. Ficamos muito satisfeitos pela forma como fomos tratados e, principalmente, por termos sido atendidos.”, comemora o taxista, Édson Santos Souza, alvará A-6622.

A categoria está utilizando o local, desde o dia 21 do mês passado. O estoque cabe duas filas de táxis, cada uma com 25 carros. A fila do

terminal é gerida pela Getax, qualquer taxista da cidade pode utilizá-la e a ordem da fila é “indiana”, um após o outro. Normalmente, 70 carros

rodam naquele ponto, mas em período de alta estação ou feriado esse número pode aumentar. Foto: Ei, Táxi!

Os taxistas que fazem ponto no terminal marítimo de São Joaquim (ferry boat) acabaram de reconquistar a área para o estoque da fila. O local que foi utilizado pela categoria durante três décadas, deixou de ser, em 2006, após a TWB assumir o sistema. A concessionária havia retirado os táxis e passado a explorar a área como estacionamento privado. Não satisfeita em ter expulsado os profissionais do local, a mesma tentou ainda impor uma taxa de R$ 60 para que eles pudessem trabalhar no terminal. O que não foi aceita pela categoria. Liderados por Gilberto Silva, presidente da Coastáxi, os taxistas foram recebidos pelo vice-governador e secretário estadual de infraestrutura, Otto Alencar, na

Área que está servindo como estoque

Anuncie aqui e ganhe: 20% de desconto em um anúncio por 3 meses! Ei, Táxi! Circulando com ofertas para você* 71 3498-9731 . 9152-2172 comercial@eitaxi.com.br www.eitaxi.com.br

*Promoção válida para clientes novos.

“Bira e equipe agradece, aos taxistas pelo apoio que vem dando a nossa Empresa. E oramos a Deus que o Senhor continuei derramando Benças espirituais e matérias sem limite na vida deles e familiares. Em 2013 faça muitos milagres em nossas vidas, nos enchendo de paz, saúde, sabedoria e muito amor. São os sinceros votos de boas festas aos taxistas e familiares.DEUS CONTINUE ABENÇOANDO A TODOS. Bira Taxímetro

“Eu gostaria de desejar um Feliz Natal para todos os taxistas e que o nosso futuro prefeito, ACM Neto, consiga fazer, pelo menos, o que o ex-senador, ACM, fez por nós. Já estará de bom tamanho. Nossas portas estarão sempre abertas para a nova administração” Assanhaço (Presidente do Sinditáxi)

“Desejo a todos os colegas taxistas um Feliz Natal e um próspero Ano Novo e que nós vamos trabalhar e trabalhar cada vez mais e vou trabalhar muito e muito mais para os taxistas. Que Deus nos abençoe” José Nilton (Atasf)

“Paulo do Táxi deseja um 2013 cheio de realizações e que o prefeito eleito, ACM Neto, cumpra com as promessas de campanha, que não seja só de campanha” Paulo do Táxi (Praça Municipal)

A equipe da Abouchar pneus deseja, a todos os taxistas, um feliz natal e um ano novo repleto de realizações. Ano novo esse que teremos a copa das confederações, evento que trará mais negócios para a nossa região e com isso possamos aproveitar ao máximo esse evento, para melhorar os nossos ganhos e transportar esses ganhos em felicidades para todos os nossos familiares. Contem sempre com a equipe Abouchar, até 2013. Lucivaldo Gonçalves - Abouchar

“Felicidades para todos, um Feliz Natal para Cap. Tadeu e toda a sua equipe e a todos os taxistas, inclusive os da rodoviária” Rui Oliveira (Rodoviária)

“O natal chegou. Que o brilho do natal ilumine todos os dias do ano novo, com a mesma intensidade do amor, da paz e da sabedoria. Boas festas!” Saveiro veículos

“Eu espero que, com fé em Deus, que seja um ano de perspectivas e boas esperanças para todos nós, independentes de taxistas ou não. A gente precisa de paz, segurança e saúde” Gilberto Silva (Coastáxi)

“A minha expectativa quanto a 2013 é de uma cidade melhor, mais digna. Eu espero que o novo prefeito, ACM Neto, dê outra roupagem e faça uma boa administração porque é bom pra cidade. Desejo a todos um feliz 2013, muita saúde e prosperidade para todos nós” Cohim (Táxi Comtas)

A familia DIGITAXI agradece a todos que contribuíram para nosso crescimento ao longo de nossa jornada no ano que está indo embora e deseja a toda sociedade baiana que possamos comemorar um natal repleto de felicidades ao lado de todos que amamos e renovamos nossa esperança de que o próximo a de será melhor que o ano que passou para todos nós. Márcio Estrela (DIGITÁXI - Dias D’Ávila)


Pág. 12

Interior

Por: Adriano Rios Ei, Táxi - Por favor, posso falar com a superintendente Beatriz? STT – Quem gostaria? Ei, Táxi – Jornal Ei, Táxi. STT - Infelizmente, ela está em reunião. Os clandestinos continuam atuando, livremente, em Camaçari, município da região metropolitana de Salvador. Durante a gestão do ex-superintendente de trânsito e transporte, Anderson Santos, esses fatos eram corriqueiros. Várias denúncias foram feitas pelo Ei, Táxi, porém o ex-superintendente jamais resolveu

Ei Táxi

Em Camaçari, enquanto os clandestinos atuam a superintendente de transporte, Beatriz de Paula, anda sem tempo para os taxistas o problema, embora até fosse mais fácil de ser encontrado em seu gabinete. Agora, o caso piorou! Não só o centro da cidade, nas barbas da prefeitura, anda lotado de motoristas fazendo transporte clandestino de passageiros, como também a recém-inaugurada loja do GBarbosa, em Guarajuba, localidade do município, situado no Litoral Norte do estado. A Superintendência do Trânsito e Transporte (STT), agora sob o comando de, Beatriz de Paula Liebanas, ao que parece não está dando a mínima para a situação desses profissionais. Se depender da disponibilidade da superinten-

Operações são deflagradas no aeroporto contra os clandestinos Duas fortes operações de combate ao transporte clandestino foram deflagradas no Aeroporto Luís Eduardo Magalhães, no mês passado. As investidas contra os ilegais ocorreram nos dias 3011 e 1/12 com a participação da Transalvador, Guarda Municipal, Polícias Militar e Civil, Agerba, Detran e Ministério Público do Estado. 26 motoristas foram abordados, sendo que 5 deles tiveram seus carros removidos para o pátio do Detran e desses, 2 foram presos em flagrante. Os 2 infratores foram presos e responderão pelo crime de atentar contra a segurança ou

www.eitaxi.com.br

ANO III . Número 28 . Dezembro 2012 . Salvador-BA

o funcionamento de serviço de água, luz, força ou calor, ou qualquer outro de utilidade pública, conforme informação prestada pelo Delegado de Defesa do Consumidor, Oscar Vieira Neto. Além de responder na justiça, ainda terão despesas com multa, reboque e diária do pátio. R$ 637,00 é o valor aplicado, pela Transalvador, diante da primeira infração. No caso de reincidência esse valor é dobrado. Já o reboque, de responsabilidade do Detran, varia de R$ 26,90 a R$ 403,05, dependendo da distância. Será cobrado ainda, mais R$ 7,60 por diária de pátio.

dente, os taxistas de Camaçari vão continuar penando, pelo menos até a famosa “dança das cadeiras”. O Ei, Táxi tem tentado falar com a “nobre” superintendente, mas sem sucesso. Ou a Dra. Beatriz de Paula está em reunião, muito ocupada, ou está dando entrevista para algum outro veículo de comunicação. Essas, pelo menos, são as justificativas que são dadas pelas atendentes, ao telefone. Bem que seria bem-vindo ao mercado jornalístico se Camaçari tivesse dezenas de veículos de comunicação; além de mais empregos para o setor, haveria também muito mais informação para o povo daquela ci-

dade. Será que a partir de janeiro, o prefeito eleito, Ademar Delgado (PT), permitirá essa mesma conduta na pasta. É ver para crer! Foto: Divulgação

Câmara Municipal de Salvador

Tarifas do pedágio das BR-324 e BR-116 foram reajustadas Os condutores que precisam utilizar as BRs 324 e 116 já estão pagando mais caro pelo pedágio, pois as tarifas foram reajustadas desde a zero hora do dia 07 de dezembro. Os valores não sofrem alterações durante os finais de semana ou feriados.

De acordo com a ViaBahia, concessionária que administra as rodovias, o reajuste atende a resolução nº 3941, de 28 de novembro de 2012, publicada no Diário Oficial da União no dia 30 de novembro deste ano. A empresa administra um trecho de aproximadamente

680 km de rodovias, incluindo as BR-324, entre Salvador e Feira de Santana, e BR-116, de Feira de Santana até a divisa com o estado de Minas Gerais. Confira abaixo as tarifas para automóveis de 2 eixos em cada BR.

Hemóvel faz coleta de sangue nos Shoppings em Salvador A Campanha de Coleta Externa de Sangue do Hemoba ocorerrerá entre os dias 10 a 14 de Dezembro, no Salvador Shopping, e de 17 a 21 de Dezembro na Praça Newton Rique (Iguatemi), com horário de funcionamneto de 08:00 às 17:00hs. Contamos com a sua colaboração! Doe sangue. Doe vida.


Pág. 14

Silvo de Alerta! Por: Capitão Tadeu Fernandes Art. 208. Avançar o sinal vermelho do semáforo ou o de parada obrigatória: Infração – gravíssima; Penalidade – multa. Competência: Município – 7 pontos

ANO III . Número 28 . Dezembro 2012 . Salvador-BA

www.eitaxi.com.br

Ei Táxi

Desobediência ao Sinal Vermelho ou à Ordem de Parada Obrigatória (Parte Final) Concurso de Infrações

jurídicos distintos.

A infração referente à invasão de sinal vermelho ou de parada obrigatória comporta o concurso de infrações, exemplos: A invasão de sinal vermelho com excesso de velocidade são duas infrações passíveis de cometimento em um mesmo instante, pois protegem objetos

Invasão de Sinal e Cidadania Por fim, antes de refletirmos sob a ótica da lei, temos que focar a questão da civilidade, a qual deve existir nos relacionamentos entre as pessoas. Desrespeitar o sinal vermelho, antes de ser um desrespeito à

lei, é um desrespeito ao direito à vida dos demais usuários da via. Ninguém tem o direito de ameaçar a vida de outra pessoa! Podemos medir o grau de civilidade de uma sociedade pelo respeito às regras de trânsito.

pela pressa de um condutor. No próximo “Silvo de Alerta” abordaremos o excesso de velocidade. Não perca!

Ei Táxi

www.eitaxi.com.br

ANO III . Número 28 . Dezembro 2012 . Salvador-BA

Cerca de 240 mil turistas são esperados até abril em Salvador Por: Yasmin do Vale Iniciada no mês passado, 24, a temporada de cruzeiros marítimos trará a Salvador, aproximadamente, 240 mil turistas. Serão 94 cruzeiros ao total, que atracarão no porto da capital até o mês de abril; a única cidade do nordeste a abrigar o navio da MSC Cruzeiros com capacidade para 4 mil pessoas a bordo. O receptivo dos visitantes é feito por baianas caracterizadas e por uma atração que também representa a cultura local. A chegada desses turistas é sempre muito aguardada pela categoria, que vê nesse atrativo uma possibilidade de boas corridas e uma “graninha a mais”. Confira abaixo a tabela até 09 de janeiro e programe-se.

É inaceitável que alguém tenha sua vida abreviada

Valorização da profissão Toda profissão para ser reconhecida e valorizada pela sociedade é necessário que o profissional saiba exercer corretamente o seu ofício e jamais esquecer que para isso é importante respeitar o Código de Ética. A Lei 12.468/11 regulamenta a Profissão de Taxista e esta lei altera a lei 6.094/74 que decreta a Atividade Auxiliar de Condutor Autônomo de Veículo Rodoviário. Vejamos você, taxista, quanta mudança no decorrer dos anos para a valorização da profissão, sei que há muito a ser mudado, mas toda mudança requer acima

de tudo paciência. E o que o senhor (a) está fazendo para esta mudança? Porque, então, não começar respeitando a Ética? Para o taxista ainda não existe uma lei de Código de Ética, mas o senhor (a) sabe que pode começar com pequenas atitudes. Vejamos algumas: 1º - Bom Dia, Boa Tarde, Boa Noite, Obrigado, Licença, Por Favor... São palavras básicas que causarão um grande impacto e diferencial no atendimento para com o cliente, mesmo que o senhor (a) não esteja num bom dia. Então vamos pronunciar palavras

que são necessárias. 2º - Dizem que “A primeira impressão é a que fica”, para que causemos uma boa impressão devemos estar bem trajados. Crie um elo de fidelidade com o cliente. 3º - Toda ambição ela é bem vinda quando positiva. Querer crescer na vida é o que muitos almejam, mas porque querer ter ambição pelas corridas alheias? O senhor (a) gostaria que levassem a sua corrida? Vamos desejar ao próximo o que desejaríamos para nós mesmos. 4º - Respeite a sua ordem na fila ou não se remarque para atender

um QTR, pois hoje em dia há empresas que possuem um sistema tecnológico que tem a capacidade de detectar quem age desta forma, lesando o colega. O senhor não gostaria de receber um QRT, não é? Tem um ditado que diz; “Mentira tem pernas curtas”. Taxista, a sua profissão requer muita habilidade e astúcia. Não é fácil o entra e sai de pessoas que o senhor (a) não conhece dentro do seu veículo, porém tudo na vida vale como uma experiência que será levada durante anos e um dia terá que parar, e quando chegar este momento é que irá

Pág. 15

refletir ‘O QUE FOI QUE EU FIZ? ’, será bom lembrarmo-nos de coisas positivas, pois a vida é muito curta para pensarmos no que nos não fizemos. Mariane Rodrigues - Estudante de Gestão de Recursos Humanos

Governadores assinam o Pacto pelo Desenvolvimento do Turismo Por: Adriano Rios O ministro do Turismo, Gastão Vieira, assinou nesta terça-feira (4) em Brasília (DF), a primeira etapa do Pacto pelo Desenvolvimento do Turismo com governadores beneficiados pelo empenho de R$ 305 milhões para obras de infraestrutura turística. Os signatários do documento firmam o compromisso de incluir o

setor na lista de prioridades. Na primeira etapa de repasses, serão beneficiados 16 estados, cujos projetos estavam prontos para serem empenhados. Os demais estados deverão ser incluídos na segunda etapa do pacto, a ser realizada em 2013. O documento assinado por representantes do governo federal e governos estaduais

apresenta as perspectivas abertas no turismo com a inclusão de milhões de brasileiros na classe média e com a proximidade dos megaeventos como a Copa das Confederações, a Copa do Mundo da FIFA 2014 e os Jogos Olímpicos de 2016. O pacto destaca também o potencial do setor para responder de maneira rápida e

eficaz aos efeitos da crise mundial no Brasil. O ministro ressaltou a importância dos estados e municípios apresentarem a documentação necessária para serem beneficiados com o pacto nas etapas seguintes. FONTE: ASCOM



Jornal Ei, Táxi edição 28 dez 2012