Page 1

ano 48

JANEIRO de 2012

nº 548

texturas: Decore seu ambiente com praticidade

Prática, fácil de aplicar e ainda embeleza o ambiente. Estas são, a grosso modo, as principais características das texturas e que as fazem ter uma posição de destaque, principalmente na construção civil. Quando foram lançadas, as texturas tiveram uma aceitação muito grande e as vendas dispararam. Hoje, apesar de já estar mais consolidada, ainda faz bastante sucesso. Seus efeitos decorativos são muito interessantes e diversificados, o que permite que as texturas possam ser aplicadas em qualquer ambiente, externo ou interno. “Temos observado ao longo dos anos que os consumidores passaram a considerar as paredes como “objetos de decoração”. Eles perceberam que mudando a cor ou aplicando uma textura...

06

Tintas Eucatex dão o tom para o evento Cores do Brasil

Reforma: manutenção e pintura da casa para o fim de ano devem incluir o telhado

Tintas Automotivas: evolução que traz mais tecnologias

Disseminação de conhecimento, interação

Com a chegada das festas e a disponibilidade

Conforme análise dos especialistas do setor,

entre profissionais, valorização da arte e cul-

do 13º salário a manutenção e a reforma

o mercado de repintura automotiva tem acom-

tura são algumas ações fundamentais para

da casa ganham impulso. A pintura das

panhado as taxas de crescimento da economia

Eucatex. Por isso, a empresa esteve presente

residências é um dos principais projetos das

brasileira e o aumento da fatia da população

no evento Cores do Brasil, que aconteceu no

famílias que querem conservar e embelezar

com maior poder de compra, devido a estabi-

final do ano passado...

02

seu patrimônio...

14

lidade econômica do país...

16


EDITORIAL

Mais um ano que se inicia e começamos com o pé direito esperando que a demanda por produtos de materiais de construção continue em alta, assim como a continuidade dos projetos do governo em habitação e infraestrutura que, certamente, alavancam o consumo de tintas. E nada mais inspirador neste começo de ano do que falar sobre texturas, revestimentos que decoram as paredes e ainda disfarçam as imperfeições da superfície. Conversamos com os especialistas no assunto e divulgamos alguns produtos disponíveis no mercado. O setor automotivo também é destaque nesta edição. Com o crescimento da indústria automobilística no país, muitas tecno-

Foto: Douglas Moreira

começar 2012 com o pé direito! logias começaram a chegar às oficinas e as mesmas poderão ser conferidas em matéria especial. O projeto Tudo de Cor pra Você, promovido pela Coral, não para e ao longo de todo o ano de 2011 coloriu e embelezou muitas cidades brasileiras. O leitor poderá conferir os locais onde o projeto esteve no final do ano passado. Em visita a Leinertex, em Aparecida de Goiânia (GO), o Jornal do Pintor publica um pouco da história desta empresa que tem forte participação no mercado de tintas da região centro-oeste do país. Divulgamos também um artigo da Argalit sobre pintura sustentável. Nas próximas páginas ainda noticiamos como foi o encerramento da Olitintas organizada pelo Sitivesp; a participação bem-sucedida da Montana no programa de televisão Extreme Makeover Social; o apoio da Eu-

catex no evento Cores do Brasil; as dicas de pintura da Hydronorth e muito mais! Um ótimo começo de ano para todos!

Francely Morrell

. .. >> Ação < < . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . ..........................................................................................

Tintas Eucatex dão o tom para o evento Cores do Brasil Com criatividade e improviso, diversos artistas colocaram em prática as tendências indicadas pelo CBC

EXPEDIENTE

Disseminação de conhecimento, interação entre profissionais, valorização da arte e cultura são algumas ações fundamentais para Eucatex. Por isso, a empresa esteve presente no evento Cores do Brasil, que aconteceu no final do ano passado, no vão livre do Museu de Arte de São Paulo (MASP). Na ocasião, o Comitê Brasileiro de Cores (CBC) reuniu 120 artistas plásticos em um evento interativo com o objetivo de encontrar as cores de vários estados brasileiros por meio do entrosamento entre arte e design industrial. Os participantes receberam painéis de MDP e tintas Eucatex Acrílico Premium, doadas pela empresa, para improvisar e criar, ao vivo, harmonias cromáticas intuitivas utilizando as tonalidades das tendências Brasilis Acqua (Angra, Esmeralda, Royal, Bambu, Tomate, Preto, Marfim, Cobre e Limão) e Brasilis Terra (Musgo, Marfim, Corda, Dourado, Gema, Preto, Tangerina, Cobre e Moca) presentes na atual Cartela do Centro de Estudos de Cor para a América Latina (Cecal). “Com cores das terras e águas que se ligam pela variedade das nossas fauna e flora, Brasilis foi inspira-

da no Brasil, apoiando-se num contexto de país emergente, nova economia mundial e sede de importantes eventos, como a Copa do Mundo de 2014 e as Olimpía­ das de 2016”, afirma a colorista Elisabeth Wey, presidente do CBC. No final do evento, um júri especializado selecionou os trabalhos com as melhores harmonias para partici-

parem de uma exposição prevista para o início de 2012. Patrocinadora exclusiva do seu segmento da Cartela Cecal, a Eucatex disponibiliza as cores da Cartela no E-Colors, sistema tintométrico com mais de duas mil opções de tonalidades. Além da Eucatex, Cores do Brasil contou com a parceria da Formica e do Centro Universitário Belas Artes.

Fundador: F. L. Morrell •18-03-1927 •23-10-2001 | Diretor Comercial: Francis Louis Morrell Júnior | Diretora Executiva: Francely Morrell | Projeto Gráfico: Kinthos Criação e Design | Colaboradores: Gabriela Lozasso (Mtb. 26.667) e Sandra Scigliano (Mtb. 25.798) | Publicidade: Carlos Alberto Cunha e Alessandra Pironti | Representantes: Rovenda - Repres. Poderoso (Aracaju/SE) Tel.: (79) 3254-5627/Fax: (79) 3211-3266 |Flexa Representações (Maceió/AL) Tel.: (82) 355-6112/Fax: (82) 3032-1339 | A. F. Gusmão (Belo Horizonte/MG) Telefax: (31) 3496-0738 | Edição mensal Ano 48 - Janeiro/12 - nº 548 As opiniões dos artigos assinados são de inteira responsabilidade de seus autores. Dispensada da emissão de documentação fiscal, conforme pedido de Regime Especial Protocolo 2.346/91 de 04/07/91. Não é permitida a reprodução de maté­rias, no todo ou em parte, sem prévia autorização e citação da fonte. “JORNAL DO PINTOR” é marca registrada pela MORRELL EDITORA TÉCNICA desde 1962 e sua utilização, sem autorização, é vedada em qualquer forma.

2 • JANEIRO_2012

Administração, Redação e Publicidade: Rua Filomena Parmigiani Fiorda, 140 Santo Amaro Cep: 04756-130 - São Paulo/SP Tel: (11) 5645-0505 | Fax: (11) 5645-0509 jp@jornaldopintor.com.br www.jornaldopintor.com.br @jornaldopintor.com.br

www.jornaldopintor.com.br


www.jornaldopintor.com.br

2012_JANEIRO â&#x20AC;˘ 3


. .. >> j p v i si ta < < . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . ................................................................................................

Jornal do Pintor visita a Leinertex Uma das principais marcas de tintas do estado de Goiânia recebe nossa equipe e conta sobre sua atuação de mais de 30 anos

O Jornal do Pintor esteve na fábrica da Leinertex, uma das maiores fabricantes de tintas do estado de Goiás, localizada em Aparecida de Goiânia (GO). A empresa é fruto do sonho de Antônio Abrantes em abrir seu próprio negócio quando ainda era um estudante de graduação em química, no ano de 1977. Com área construída e alugada de 100 m², dois funcionários, duas máquinas e uma produção de 200 latas/mês, Abrantes deu início as atividades da

4 • JANEIRO_2012

Tintas Leinertex, que hoje fabrica tintas acrílicas, massa PVA, massa acrílica, seladores, liquibrilho, revestimentos, esmaltes, vernizes e resina acrílica, com mais de 30 anos de atividades. O atual parque industrial tem 65.000 m² de área total, sendo18.000 m² de área construída, e possui mais de 300 colaboradores diretos e indiretos em Goiânia e em sua filial em Palmas (TO). De acordo com Marjorie Bettiol, Supervisora de Propaganda e Marketing da Leinertex, a

empresa faz constantes investimentos em automatização, além de ter laboratório climatizado e altamente equipado, com equipe técnica especializada e todos os equipamentos necessários para a realização de ensaios conforme normas ABNT para tintas imobiliárias. “Estes equipamentos são os mesmos do Laboratório Senai Mario Amato - SP (laboratório credenciado para realização de testes do PSQ - Abrafati). Inclusive, adequamos toda nossa linha para atender as exigências do Programa Setorial de Qualidade”, diz Marjorie. A Leinertex está presente nas regiões Centro-Oeste, Sudeste, Norte e Nordeste, atendendo aos estados de Goiás, Mato Grosso, Distrito Federal, Tocantins, Minas Gerais, Bahia, Piauí, Pará, Amazonas, Roraima, Maranhão, Rondônia e Acre.

Marjorie Bettiol, Supervisora de Propaganda e Marketing, e Michelle Porto, Assistente de Propaganda e Marketing, receberam a equipe do Jornal do Pintor na Leinertex

www.jornaldopintor.com.br


www.jornaldopintor.com.br

2012_JANEIRO â&#x20AC;˘ 5


. .. >> Te x tu r a s < < . . . . . . . . . . . . . . . . . . .................................................................................................

Decore seu ambiente com praticidade As texturas destacam qualquer parede, interna ou externa, e ainda serve como fundo

Prática, fácil de aplicar e ainda embeleza o ambiente. Estas são, a grosso modo, as principais características das texturas e que as fazem ter uma posição de destaque, principalmente na construção civil. Quando foram lançadas, as texturas tiveram uma aceitação muito grande e as vendas dispararam. Hoje, apesar de já estar mais consolidada, ainda faz bastante sucesso. Seus efeitos decorativos são muito interessantes e diversificados, o que permite que as texturas possam ser aplicadas em qualquer ambiente, externo ou interno. “Temos observado ao longo dos anos que os consumidores passaram a considerar as paredes como “objetos de decoração”. Eles perceberam que mudando a cor ou aplicando uma textura é possível renovar os ambientes e dar personalidade de maneira rápida e simples. Mesmo em locais pequenos, as texturas podem proporcionar um ambiente agradável e elegante”, afirma Kleber Tammerik, coordenador de serviços ao mercado da Suvinil. O diretor de marketing e vendas da Iquine, Alan Souza, ainda vai além, já que considera as texturas produtos de alta performance, que podem perfeitamente substituir outros revestimentos, tais como pedras naturais e cerâmicas, por exemplo. “Além de ter grande durabilidade, outro ponto positivo das texturas e algo determinante para o aumento do consumo é o seu custo x benefício”, explica. E quando falamos de custo, che6 • JANEIRO_2012

gamos a mais comentada fatia da população: a classe C. Com mais dinheiro no bolso e, consequentemente, com um maior poder de compra, essa classe está investindo também na sua casa, pintando-a pela primeira vez ou então realizando uma reforma. E isso atinge diretamente as texturas. A Futura Tintas, pensando nisso, realizou um estudo de mercado para melhorar, não somente a qualidade dos seus produtos, mas também a gama de cores. “Os tons estão mais modernos e condizentes com os anseios dos consumidores”, conta Angela Chapper, gerente de marketing da empresa. Mas as texturas não são consumidas somente pela classe C, muito pelo contrário. De acordo com o diretor comercial da Ibratin Arenã Oliveira, as construtoras que desenvolvem produtos com foco no publico A, buscam diferencias em serviços ou acabamentos para agregar valor final ao empreendimento. “Design, personalização, durabilidade e o fácil custo de manutenção são alguns dos atributos necessários para que uma boa especificação em textura possa ser utilizada para se obter uma harmonia arquitetônica”, ensina. Isso acontece, segundo Valter Bispo, gerente de produtos da Tintas Eucatex, exatamente porque as texturas têm a característica de servir como acabamento e ainda podem exercer a função de fundo, segundo ele. “E ainda disfarçam as imperfeições na superfície das paredes”, complementa Marco Antonio Calisse, químico responsável da Luztol.

Vale ressaltar que este tipo de revestimento, apesar de ter uso fácil, exige um profissional especializado para uma melhor aplicação, conforme ressalta Rodrigo Palota, diretor administrativo da Sulan: “aconselhamos sempre os profissionais a fazerem cursos técnicos. Antes de oferecer o serviço de textura é necessário treinar bastante a aplicação e as possibilidades que o produto oferece”, diz. Quanto aos desafios, Benito Berretta, diretor de marketing da AkzoNobel Tintas Decorativas para a América Latina, ressalta que é necessário ficar sempre atento às mudanças nas tendências de arquitetura e design. “Os efeitos que permitem texturas diferenciadas podem ser alavancados pelo crescimento do segmento de decoração em geral, tornando moda, por exemplo, as paredes texturizadas”. Veja agora as principais texturas disponíveis no mercado. No ramo das texturas, a AFE Tintas trabalha com a Acordolar Textura Acrílica Rústica (encontrada na embalagem da caixinha reciclável) e Acordolar Textura Acrílica Original (em lata). De acordo com Diogo Coelho, coordenador de marketing da AFE Tintas, a versão Rústica é a solução para o mercado de texturas, pois une praticidade, elegância e estilo próprio, com embalagem ecológica, fácil de carregar e guardar. Seu catálogo conta com 14 cores e o produto possui explicação simples e prática de como aplicar o produto. Se-

gundo Coelho, isso é fundamental já que hoje em dia o consumidor procura facilidade na utilização dos produtos, o famoso “faça você mesmo”. Já o Acordolar Textura Acrílica Original, conhecida no mercado como “textura lisa”, é comercializada na embalagem Acordolar Complementos (18 litros) e galão (3,6 litros). A fabricante assegura ser um produto com excelência em matéria de cobertura e acabamento. Além disso, garante fácil manuseio e ação antimofo, dando maior durabilidade e proteção ao acabamento.

A linha Texturalit, da Argalit, está disponível em três acabamentos: rústico, liso e design, nas embalagens saco de 15 kg e lata de 25 kg. De acordo com a empresa, sua versatilidade de aplicação traz economia e rapidez na execução da obra. Isso porque, com o volume de 15 kg, o saco valvulado possui tecnologia que impede vazamentos. Na hora de preparar a aplicação, se o produto não for utilizado por completo, não é preciso descartá-lo. Basta fechar a embalagem www.jornaldopintor.com.br


www.jornaldopintor.com.br

2012_JANEIRO â&#x20AC;˘ 7


. .. >> Te x tu r a s < < . . . . . . . . . . . . . . . . . . .................................................................................................

e guardá-la para outra ocasião. O produto ainda é de fácil aplicação e possibilita o acabamento com rolos de efeito, proporcionando infinitas criações. Com a Texturalit, disponível na cor branca, o uso de tintas e de massa corrida é dispensável. A Coral, marca de tintas decorativas da AkzoNobel, possui três opções na linha Texturizado para quem busca criar em suas paredes um efeito decorativo sofisticado e moderno: Rústico, Design, Efeito e Acrílica. E a fabricante indica que o consumidor pode também aplicar o gel envelhecedor ou o gel perolizado para conseguir os efeitos manchado ou luminoso, respectivamente. As texturas da marca prometem conferir alta resistência à abrasão e repelência à água, além de ótima aderência, fácil aplicação, secagem rápida, baixo odor e excelente resistência à alcalinidade. Suas elevadas consistências e alto poder de enchimento permitem disfarçar as imperfeições da superfície e todas as versões, exceto a Textura Acrílica, são encontradas no sistema de cores Language of Colors. A Coral possui uma gama de seis cores prontas de fábrica, e em torno de 2.000 cores disponíveis no sistema tintométrico Language of Colors. Para as duas possibilidades, as recomendações são as mesmas: homogeneizar bem antes e durante a aplicação.

A versão de textura Rústica permite a obtenção de diversos efeitos, sendo mais utilizado o efeito arranhado, com riscos em baixo relevo. Já a Textura Design possui grãos de tamanho médio que proporcionam um efeito granulado para os mais diversos efeitos de acabamentos. Ela permite a obtenção de de8 • JANEIRO_2012

zenas de efeitos finais, em relevo, envelhecidos, perolizados ou não, e dispensa o uso de massa fina (em paredes de alvenaria). A Textura Efeito é a que possui acabamento liso e delicado proporcionando efeitos suaves. Para ambientes externos, é indicado aplicar sobre o revestimento, necessariamente duas demãos de Texturizado Gel Envelhecedor ou tinta acrílica Decora, ou ainda, tinta látex Coralmur tingida na mesma cor da Textura Efeito. Também dispensa o uso de massa fina (em paredes de alvenaria). E a outra solução, Textura Acrílica, oferece praticidade na hora de se obter um efeito de textura nas paredes, pois conforme revela a fabricante, ela pode ser aplicada diretamente sobre o reboco e disfarça pequenas imperfeições da superfície. É de cor branca, mas para se obter efeito decorativo com outras cores, é só aplicar tinta de acabamento sobre a textura, já que esse produto não deve ficar sem tinta de acabamento. Além disso, é muito simples aplicar o produto: ele dispensa o uso de massa fina em superfícies de alvenaria e pode ser aplicado em ambientes internos e externos. A Tintas Dacar possui quatro tipos de texturas acrílicas em sua linha: Rústica, Rústica Natural, Desenho e Lisa, que podem ser tingidas pelo sistema tintométrico Servcor Dacar que tem mais de 1.400 cores ou pintadas com a tinta acrílica Dacar e também ficam bonitas com aplicação de gel envelhecedor da marca.

As quatro Texturas Acrílicas desenvolvidas pela fabricante são indicadas para uso em superfícies internas e externas de re­boco, blocos de concreto, fibrocimento, concreto aparente e pinturas sobre PVA e Acrílico; e garantem fácil aplicação. Além disso, possuem características de hidrorrepelência, alta resistência à alcalinidade e abrasão. Inclusive, a Textura Acrílica Rústica Natural também possibilita obter vários efeitos decorativos na tonalidade da cor

branca ou natural. Cabe destacar que para esta linha a Dacar lançou uma nova embalagem - de 25 kg - que promete gerar economia de produto e fácil armazenamento. A Eucatex disponibiliza para o consumidor a Eucatex Textura Acrílica nas versões Desenho, Lisa e Riscada. Segundo Valter Bispo, gerente de produtos da empresa, esta última apresenta alta resistência às intempéries e excelente qualidade, garantindo às superfícies maior longevidade e menor necessidade de repintura.

Ele também explica que a versão Eucatex Textura Acrílica Lisa é indicada para o revestimento de alvenarias internas (salas, halls, corredores, etc.) e externas (que sejam pintadas) com a aplicação de Eucatex Gel Envelhecedor ou duas demãos de Eucatex Acrílico Premium. Já a Eucatex Textura Acrílica Desenho tem características que permitem a obtenção de diferentes acabamentos, de acordo com a forma de aplicação. Para obtenção de efeito envelhecido, é indicada, sobre a textura, a aplicação do Eucatex Gel Envelhecedor. A Futura Tintas oferece as seguintes texturas: Rústica Riscada Futura Super, Média Criativa Futura Super e Lisa Versátil Futura Super. A diferença entre elas está no tipo de acabamento que cada uma pode proporcionar. Segundo a empresa, além de uma extensa gama de cores e efeitos que podem transformar os ambientes, imprimindo personalidade à decoração, uma grande vantagem das texturas da Futura é que elas são hidrorrepelentes, ou seja, apresentam baixa ou nenhuma absorção de líquidos, garantindo maior durabilidade e vida útil à superfície. Nas fachadas

de prédios, as texturas são muito bem aceitas pelas construtoras, pois podem ser aplicadas sobre reboco selado, sem a necessidade de massas niveladoras. Já para decoração, devido à diversificação de efeitos que podem ser criados, o decorador, especificador ou construtor tem inúmeras possibilidades de deixar os ambientes mais sofisticados e personalizados. A Hidracor oferece a Textura Lisa e a Textura Rústica. A primeira é considerada uma tinta acrílica profissional para interiores que promete conferir ótima cobertura e rendimento, sendo inclusive antimofo e com acabamento fosco. O rendimento é até 250 m² por embalagem de 18 litros/demão e até 50 m² por embalagem de 3,6 litros/demão. Já a Textura Rústica Hidracor indica que pode ser usada em interiores e em exteriores, sendo hidrorrepelente e antimofo. A fabricante ainda assegura que o produto tem o mesmo rendimento da Lisa e também possui excelente resistência e oferece 19 opções de cores.

Como o seu destaque de texturas, a Hydronorth apresenta o Graffiato. Trata-se de um revestimento acrílico texturizado de última geração, ideal para projetos decorativos que exigem arte, estilo e personalização. O produto está disponível em diversas cores, nos acabamentos: Riscado, Arte e Liso, que permitem explorar a criatividade. O Graffiato é indicado para decorar ambientes internos e externos de alvenaria, reboco, fibrocimento, concreto, massa acrílica ou massa corrida e pode ser aplicado em altas espessuras, dispensando o uso de

www.jornaldopintor.com.br


www.jornaldopintor.com.br

2012_JANEIRO â&#x20AC;˘ 9


. .. >> Te x tu r a s < < . . . . . . . . . . . . . . . . . . ................................................................................................. massa fina. Devido a sua elevada consistência faz a cobertura de pequenas fissuras e/ou imperfeições na superfície. Está disponível em galão de 3,2 litros, lata de 14 litros e barrica de 25 kg. A Ibratin é pioneira em fabricação de texturas no Brasil. São 35 anos de experiência no mercado. Um dos destaques da empresa é a Linha Permalit, que compreende texturas de alta performance que, de acordo com Arenã Oliveira, diretor comercial da empresa, se adequam as obras de alto padrão, oferecendo design diferenciado. São texturas que já vêm pigmentadas e a fabricante assegura que oferecem alta resistência. A Linha Permalit é composta por vários revestimentos texturizados que se diferem nos efeitos decorativos e, em sua maioria, são indicados para uso interno e externo: Cristallini; Etrusca; Granelli; Permalit Nobre; Permalit Permaselor (selador pigmentado para texturas); Progettato; Permalit Textura Externa / Domus e Permalit Azulejo (produto que substitui o azulejo em locais de águas ocasionais).

Além destes produtos, a linha também conta com o Sistema Ibrakappa Cryl – um sistema acrílico exclusivo da Ibratin que se destina ao revestimento de paredes externas e internas direto sobre alvenaria e superfícies de concreto. Segundo a empresa, é um produto que elimina algumas fases do processo convencional (chapisco, emboço e reboco), minimizando custos e tempo de execução da obra e garantindo durabilidade e resistência. A Iquine destaca dois produtos, o Decoratto Qualitá e o Decoratto Clássico. Ambos são revestimentos texturizados, da linha premium, feitos à base de emulsão acrílico-estirenada que, segundo a empresa, oferece elevada consistência e resistência, que disfarça as imperfeições da superfície e dispensa o uso de massa fina. Eles possuem grande poder de dureza e aderência, além de serem hidrorrepelentes. São indicados 10 • JANEIRO_2012

para a personalização de ambientes externos e internos, em alvenaria e blocos de concreto e estão disponíveis no sistema tintométrico em mais de 1.200 cores. A diferença entre o Decoratto Qualitá e o Decoratto Clássico é a granulometria, ou seja, o tamanho das partículas de quartzo. O primeiro é malha 10; as partículas ao serem friccionadas sobre a superfície, conferem um aspecto arranhado de baixo relevo. Já o Clássico possui malha 325, proporcionando um acabamento mais fino. A Luztol produz dois tipos de texturas: uma que tem misturas de cargas de alta dureza fina e média comercializada com o nome de Textura, e a outra que, além de ter estas misturas, contém cargas grossas, sendo comercializada com o nome de Rústico. De acordo com a fabricante, ambas têm característica hidrorrepelente (impede a penetração da água), confere enorme durabilidade e uma grande resistência ao tempo por utilizar um percentual alto de resina acrílica e ainda apresentar baixo odor. A grande consistência do produto permite disfarçar imperfeições na superfície, podendo ser utilizado tanto em ambientes internos como externos, como concreto, alvenaria, massa acrílica e tinta.

Pela alta resistência e variedade de cores, a Textura e o Rústico Luztol não necessitam receber tinta de acabamento. A aplicação da Textura é realizada com rolo próprio para textura, onde a al-

tura do relevo depende do tipo de rolo, da espessura da camada aplicada e da diluição da textura. Para um melhor acabamento o ideal é aplicar como fundo uma demão de tinta da cor da textura. Já a aplicação do Rústico Luztol é realizada com desempenadeira de aço para aplicar e tirar o excesso até atingir as pedras de riscagem, e com desempenadeira de plástico para criar o efeito riscado em movimentos que pode ser na vertical, horizontal, diagonal ou circular. Para um melhor acabamento também deve-se aplicar como fundo uma demão de tinta da cor da textura.

também chamado de “reboco fino”, mais liso. E tem ainda a versão Qualycril Graf -Fino que também possui acabamento fosco e malha 20, mas resulta num efeito riscado mais suave se comparado ao Qualycril Qualy Graff. A Sulan possui hoje dentro da linha Premium Sulan Complementos, a Textura Acrílica Sulan, o Gel Decorador e os Texturados Sulan Clássico e Rústico. Todos estes produtos estão ainda disponíveis no Sistema Gallery of Colors, que possibilita a obtenção de mais de 2.760 cores, diretamente nos pontos de vendas credenciados.

A Tintas Maza oferece duas marcas de texturas que são Tintas Maza e Tintas SV, nos acabamentos Riscado, Rugoso, Liso e um outro acabamento de grãos mais finos, denominamos Lamato.

Marcelo B. Neto, gerente nacional de vendas, afirma que a formulação e fabricação destes produtos, inclusive de todos que estão disponíveis na linha da marca, segue um rigoroso processo e controle de qualidade, tanto na escolha do fornecedor de matéria-prima, assim como no produto final, que é rigorosamente testado antes de ir ao mercado. Em texturas, a Qualyvinil apresenta a linha Qualycril Revestimento com opções modernas de texturas que possibilitam diversos efeitos decorativos como liso, desenho e riscado. O Qualycril Qualygraff possui malha 10 que resulta num efeito riscado; e o Qualy Design obtém o efeito de desenho.

Já o Qualycril Qualy Fino tem acabamento fosco e possui malha 20 que resulta num efeito conhecido como “crap”,

“Nossas linhas de texturas e texturados, são constituídas por produtos com maior durabilidade e, principalmente, muito mais fáceis de serem aplicados”, garante Rodrigo Palota, diretor administrativo da Sulan. A linha de texturas da Suvinil é composta pelos seguintes produtos: Suvinil Texturatto Liso, Suvinil Texturatto Rústico e Texturatto Clássico. Essas texturas são tintas, cujas características e processo de fabricação primam pela obtenção de efeitos decorativos especiais.

Além de suas texturas tradicionais citadas acima, a marca possui uma linha especial chamada Efeitos Decorativos, que traz diversas possibilidades para transformar uma parede em um objeto de decoração. Composta pelos efeitos Palha, Lunar, Concreto, Bambu, Jeans, Jeans Lavado, Camurça, Mármore, Linho, Aço Escovado, Madeira, Seda e Magnético, esta série, conforme ressalta Kleber Tammerik, coordenador de serviços ao mercado da Suvinil, possui características que auxiliam na criação de ambientes charmosos e diferenciados. www.jornaldopintor.com.br


www.jornaldopintor.com.br

2012_JANEIRO â&#x20AC;˘ 11


. .. >> P r oje to s oc i a l < < . . . . . . . . . ................................................................................................

Tudo de Cor Pra Você e Observatório de Favelas se unem em projeto inovador no Rio de Janeiro Coral cede tintas para a pintura do Galpão Bela Maré

O maior projeto socioambiental do grupo holandês AkzoNobel, o “Tudo de cor para você” chegou a comunidade de Nova Holanda, na cidade do Rio de Janeiro. Em parceria com o Observatório de Favelas, a empresa - detentora da marca Coral no Brasil – levou suas cores para a inauguração do projeto “Travessias”, no Galpão Bela Maré e ruas adjacentes. Mais de 450 litros de tintas Coral estão colorindo o espaço; amarelo, cinza e branco foram os tons escolhidos para as fachadas do Galpão, que abrigou até o final de dezembro a exposição de obras produzidas por renomados artistas, tais como Alexandre Sá, André Komatsu, Chelpa Ferro (Luiz Zerbini, Barrão e Sergio Mekler), Emmanuel Nassar, Henrique Oliveira, Lucia Koch e Marcelo Cidade.

O diretor de marketing da AkzoNobel Tintas Decorativas para América Latina, Benito Berretta, ressalta a importância em ativar parcerias com projetos inovadores como este. “Temos em nosso DNA inspirar e transformar a vida das pessoas, por meio das cores. Os objetivos do ‘Tudo de cor para você’ e do ‘Travessias’ seguem em sintonia e, por isto, abraçamos esta iniciativa que, com certeza, irá disseminar a cultura para os moradores da região”. O Galpão Bela Maré – local onde funcionava uma fábrica de copos e pratos de papel desativada há dez anos – está localizado à beira da Avenida Brasil, um pouco antes da Passarela 10. Ele se propõe a ser um centro cultural dedicado às artes visuais na região. “Queremos com o ‘Travessias’ criar um agrupamento cultural e permitir encontros de artistas e população de diferentes espaços da cidade. Assim, daremos visibilidade à Maré, fazendo com que as pessoas vejam a favela de outra forma, como um espaço constitutivo da cidade como qualquer outro. Precisamos de equipamentos culturais aqui, e a presença da arte neste território criará um impacto positivo, sem dúvida”, exalta Jailson de Souza, coordenador do Observatório de Favelas. Ele complementa dizendo que até 2016, haverá uma grande contribuição para que este espaço possa ser um novo pólo cultural e uma nova referência para encontros  de diferentes grupos da cidade. O Observatório de Favelas é uma organização so-

cial de pesquisa, consultoria e ação pública dedicada à produção do conhecimento e de proposições políticas sobre as favelas e fenômenos urbanos. Busca-se afirmar uma agenda de Direitos à Cidade, fundamentada na ressignificação das favelas. Com este intuito, o Observatório de Favelas cria e articula condições, formas e meios para expandir o conjunto de direitos à cultura e à comunicação, estimulando a criação de iniciativas nestes campos, nas favelas e periferias da cidade.

. .. >> Arti g o << . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . ..............................................................................................

Pintura alinhada com os conceitos de sustentabilidade Embora ainda não exista no Brasil uma lei que limite a emissão de Compostos Orgânicos Voláteis (VOC), o Grupo Argalit cumpre seu compromisso com o meio ambiente

Uma construção sustentável é um diferencial que pode melhorar a vida das sociedades urbanas e rurais. Isso porque é executada fazendo uso de tecnologias e materiais que resultam no aproveitamento dos recursos naturais e, consequentemente, na preservação do meio ambiente. Empresas cada vez mais estão se preocupando com o impacto ambiental que podem causar. Prova disso está no gerenciamento de projetos por meio de metodologias alinhadas ao conceito de sustentabilidade. Mas é possível utilizar produtos que causem menor impacto ambiental? Sim. As tintas ecológicas são uma alternativa, pois são formuladas com matérias-primas naturais, sem componentes sintéticos ou insumos derivados de petróleo, não excedendo 0,1% do volume total. A maioria dos produtos à base de água são consi-

12 • JANEIRO_2012

derados bons agentes, pois não contêm adição de solventes, o que lhes conferem baixo odor e reduz os danos à natureza. E as tintas à base d’água estão no topo das prioridades das pesquisas das empresas de tintas. Nesse sentido, o Grupo Argalit produz um esmalte à base d’água, que possui como diferencial não conter solventes, cheiro forte e dispensar o uso de aguarrás. É o Esmalte Base Água, da Ecos, linha de produtos feitos à base d’água que agrega o conceito de sustentabilidade. “Uma empresa preocupada com a situação do planeta busca uma postura consciente nas diversas etapas da construção civil. Para isso, é fundamental tomar as atitudes corretas para reduzir os riscos e danos ao meio ambiente, comenta o diretor executivo da Argalit, Raphael Cassaro Machado.

www.jornaldopintor.com.br


www.jornaldopintor.com.br

2012_JANEIRO â&#x20AC;˘ 13


. .. >> D i ca s < < . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . ...........................................................................................

Reforma: manutenção e pintura da casa para o fim de ano devem incluir o telhado O início do ano traz o desejo de deixar a casa em ordem, abrindo espaço para as reformas, manutenções e pinturas. Nesse contexto, a Hydronorth alerta aos cuidados com o telhado que também deve ser considerado para que o projeto não seja comprometido Com a disponibilidade do 13º salário a manutenção e a reforma da casa ganham impulso. A pintura das residências é um dos principais projetos das famílias que querem conservar e embelezar seu patrimônio. Mas quando se fala em pintura, a grande maioria dos proprietários esquece que o telhado também deve estar incluído no procedimento. A fabricante de tintas, resinas, texturas e vernizes Hydronorth - que completou 30 anos de atividades tem em sua linha, produtos especificamente formulados para executar projetos de proteção e embelezamento do telhado. O Impermeabilizante Telhados e Lajes Hydronorth garante a proteção dessas superfícies e mantém a aparência de telhado limpo e bonito. Encontrado nas cores branco, cerâmica telha, cerâmica, concreto e alumínio (acabamento fosco), o produto tem desempenho superior porque foi desenvolvido para essa finalidade, levando em consideração todos os fatores externos que interferem na superfície. Entre as funcionalidades, o Impermeabilizante Te-

lhados e Lajes Hydronorth sela pequenas fissuras presentes na estrutura das telhas, evitando infiltrações, que podem comprometer a segurança da estrutura. A película flexível de proteção criada também garante menor absorção de água. Custo - Segundo a Hydronorth, outro bom motivo para investir nos cuidados com as telhas é o custo: a construção de um telhado representa, em média, 5% da despesa total da obra. Mas atenção: quando a manutenção correta não é feita, existirá a necessidade de novos investimentos periódicos durante a vida útil do imóvel. Aplicabilidade - O Impermeabilizante Telhados e Lajes Hydronorth pode ser usado em telhas de cerâmica, telhas galvanizadas, telhas de cimento, alvenaria e blocos. Está disponível em embalagens de 5 e 16 quilos, podendo ser encontrado em home centers e em lojas de tintas e materiais de construção em geral.

. .. >> P r o d u to < < . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . ................................................................................................

WEG Tintas incrementa seu portfólio de produtos com certificação IMO PSPC Planos de pintura atendem aos exigentes padrões internacionais para embarcações A WEG Tintas, fabricante de tintas em pó, vernizes eletro isolantes e uma empresa referência em tintas anticorrosivas e marítimas, recebeu recentemente a certificação IMO PSPC para os seus sistemas de pintura. O IMO PSPC (Performance Standard for Protective Coatings for Dedicated Seawater Ballast Tanks of all Types of Ships and Double-Side Skin Spaces of Bulk Carriers) foi adotado pelo Comitê de Segurança Marítima (MSC) da IMO em 2006. Estas normas aplicam-se obrigatoriamente a todos os navios com mais de 500 toneladas brutas. A entrada em vigor da PSPC tem como objetivo estabelecer padrões de projeto, operação, manutenção e construção de embarcações. Dentro disso incluem-se ainda as normas e produtos aprovados para pintura. Apesar de a WEG Tintas possuir a certificação do epóxi dupla função Wet Surface 88 HT, a nova certificação do primer epóxi dupla função Lackpoxi 76 Wet Surface N2680 vem comprovar o desempenho de um produto que já foi aplicado em mais de dois milhões de metros quadrados de obras marítimas, destacando navios (da Petrobras e da Marinha), rebocadores, embarcações de apoio, plataformas de petróleo (P-52, P-54, P-59, P-60) e gás natural (Mexilhão). Segundo o diretor superintendente da WEG Tintas, Reinaldo Richter, “com a certificação da linha Lackpoxi 76 Wet Surface N2680, o mercado brasileiro e mun14 • JANEIRO_2012

dial recebe um produto singular para pintura de todo o navio e principalmente os tanques de lastros, casaria, costado e convés, inclusive com certificação para tanques de água potável. A facilidade de aplicação de um único produto que atende todas as necessidades facilita muito a logística de atendimento técnico e comercial”, diz o diretor. Outro diferencial deste primer é a isenção de solventes voláteis podendo ser aplicado sobre superfícies úmidas e com altos índices de umidade no ar. Os produtos são fruto dos constantes investimentos da WEG em capacitação e tecnologia, com o único objetivo de fornecer aos nossos clientes soluções que ofereçam proteção total.

Reinaldo Richter, diretor superintendente da WEG Tintas

A WEG destaca os seguintes produtos: Wegzinc 401: é um shop primer à base de etil silicato de zinco, que oferece propriedades anticorrosivas e que tem como grande diferencial a resistência a soldabilidade. Isto quer dizer que a sua formulação não interfere no processo de soldagem, tornando desnecessária a sua remoção antes da solda. Isso confere mais agilidade ao processo de construção; Wegpoxi Wet Surface 88 HT: primer e acabamento epóxi de altos sólidos e baixos teores de compostos orgânicos voláteis. Este produto foi desenvolvido para conferir proteção anticorrosiva em aplicações com su-

perfícies úmidas, hidrojateadas ou em condições climáticas adversas, como chuva ou alta umidade do ar; Lackpoxi 76 Wet Surface N2680: é um produto livre de solventes, que foi desenvolvido para conferir proteção anticorrosiva sobre o aço carbono. Pode ser aplicado como primer, intermediário ou acabamento em superfícies preparadas por jateamento abrasivo ou hidrojateamento. Também aceita aplicação em condições desfavoráveis, como a alta umidade relativa do ar. Além disso, conta com certificações para o contato com alimentos, tais como água potável, alcoólicos, alimentos gordurosos, grãos e etc. www.jornaldopintor.com.br


www.jornaldopintor.com.br

2012_JANEIRO â&#x20AC;˘ 15


. .. >> Ti n ta s Autom ot iva s < < . .................................................................................................

Tintas Automotivas: evolução que traz mais tecnologias

Conforme análise dos especialistas do setor, o mercado de repintura automotiva tem acompanhado as taxas de crescimento da economia brasileira e o aumento da fatia da população com maior poder de compra, devido a estabilidade econômica do país e a incentivos de financiamento por parte do governo, impactando diretamente no crescimento da frota de veículos e na busca por serviços de repintura. Em 2011 o mercado cresceu em relação ao ano passado, mas o reflexo do aumento nos preços das matérias-primas refreou a atividade no 2º semestre. Luiz Fernando Fruet, diretor da Sky­ lack, revela que o primeiro semestre de 2011 teve o mesmo ritmo de crescimento do período anterior em 2010, ou seja, foi bastante acelerado. Já no segundo semestre, apesar da desaceleração que houve na economia, a empresa continuou com um ritmo bem acima da média de crescimento do setor. Fabio Alves Rodrigues, coordenador de serviços ao mercado e assistência técnica da PPG, afirma que no geral, o ano foi positivo. Segundo ele, houve êxito nos lançamentos de produtos da marca e conquista de algumas contas importantes, inclusive a empresa inaugurou em 2011 um novo centro de treinamento na planta de Sumaré (SP). “Contribuiu para este resultado, além de todo o trabalho realizado, o aquecimento do mercado, impulsionado pelo crescimento da frota circulante e da razoável estabilidade da economia”, acrescenta. Na conclusão de Roberto Ioneda, gerente laboratório de desenvolvimento 16 • JANEIRO_2012

de produtos Stardur, o mercado manteve-se estável, e o fechamento estimado do ano foi de cerca de 2 a 3% em relação a 2010. Evolução O setor automobilístico no Brasil evoluiu muito, não apenas em volume de vendas, mas também em tecnologia. “Estamos colhendo agora o que foi plantado há alguns anos, como a enxurrada de carros importados que foram lançados no mercado a preços comparáveis aos de automóveis nacionais populares, e algumas características antes vistas apenas em automóveis de luxo, como a personalização do veículo, com mais opções para o consumidor”, relata Tiago Giordani Magro, diretor de mar­ keting da Bemil lembrando que esses carros constituem hoje grande parte do mercado nacional de automóveis e que com certeza trouxeram muitas novidades para as oficinas do país. Magro acredita que este ano foi possível identificar a reação dos profissionais perante estas mudanças, através da necessidade da busca pela atualização profissional. “A evolução e a chegada de novidades são fundamentais para o mercado, mas também evidenciam suas carências, principalmente a escassez de mão de obra capacitada e a demora em suprir as novas necessidades”, ressalta. Isto leva a crer que o ano de 2011 foi marcado por mudanças bastante promissoras no que diz respeito à inovação do setor, busca e formação de profissionais capacitados, além de crescimento em volume de vendas.

“Deveremos enfrentar cada vez mais uma concorrência acirrada, além de clientes e usuários mais exigentes. Criatividade, inovação e ótimo serviço deverão prover a diferenciação entre as empresas no segmento de repintura automotiva. Neste cenário, os maiores beneficiários são os clientes, já que as empresas terão que se superar para continuar mantendo a lealdade dos usuários”, avalia Cassia Galvão, gerente de marketing da Sherwin-Williams Automotive Finishes. E com relação aos produtos utilizados, Sandro Lemos, coordenador de produtos Wanda e Rodrigo Soares, coordenador de produtos Sikkens, marcas de repintura automotiva da AkzoNobel, comentam que no Brasil ainda predominam os itens de tecnologia tradicional, base solvente, porém já existe a procura por novas tecnologias por parte de oficinas preocupadas com a imagem sustentável de seu negócio, como os sistemas base d’água e os produtos de baixo VOC (Compostos Orgânicos Voláteis). O que indica também uma grande evolução para o segmento. A AkzoNobel atua com as marcas Sik­kens e Wanda no segmento de repintura automotiva. A Wanda, marca com mais de 75 anos de tradição no mercado brasileiro, conta com uma linha de produtos consagrada pe las oficinas de pintura, que a fabricante atribui ser por conta da sua qualidade, fácil utilização e ótimo custo/benefício. Entre os produtos, destacam-se os sistemas de cores Wandabase (Base po-

liéster) e Wanda PU (Esmalte PU). Em ambos, a empresa garante alto poder de cobertura e alta resistência. “O número de fórmulas oferecidas para carros nacionais e importados, e o excelente acerto de cor são pontos positivos da Wanda”, considera Sandro Lemos, coordenador de produtos Wanda.

Recentemente, a Wanda lançou o Verniz PU 2:1 Alto Sólidos, que tem acabamento com alto brilho. Lemos explica que este verniz permite a diluição com 20 a 30% de thinner para PU, um diferencial que dá mais flexibilidade ao pintor na preparação do produto. A Sikkens é uma marca com mais de 200 anos de mercado, tida como referência no mercado premium. De acordo com Rodrigo Soares, coordenador de produtos Sikkens, são feitos constantes investimentos focados nos clientes, aumentando sua produtividade, e consequente rentabilidade, através de um portfólio completo de soluções e excelente nível de assistência técnica e serviços à oficina. www.jornaldopintor.com.br


. .. >> T i n ta s Au tom ot iva s < < . . ................................................................................................ Preocupada com a sustentabilidade, a Sikkens introduziu há dois anos no mercado brasileiro seu sistema base d’água – Autowave – que, segundo a fabricante, é caracterizado por seu excelente desempenho e cobertura, além de facilidade de aplicação e alta produtividade. A Bemil conta com a Linha Premium, que além dos complementos também conta com o Esmalte PU Acrílico, e o Esmalte Sintético Ultra Rápido. As principais características dos produtos da marca, de acordo com Tiago Giordani Magro, diretor de marketing da empresa, são a durabilidade, brilho e secagem rápida, a um custo competitivo, visto que

a maior parte das matérias-primas são 100% nacionais. A linha convencional da PPG chamase ACS. Ela possui uma gama completa de produtos para repintura automotiva, destinada a oficinas de pequeno e médio porte, que buscam um produto de qualidade e competitividade. No segmento de alta tecnologia, a empresa disponibiliza as linhas 2K, da marca Nexa Autocolor, e a GRS Deltron, com a marca

PPG. Estas linhas de produtos são globais e apresentam soluções para oficinas de médio e grande porte, que necessitam de maior produtividade e qualidade “premium” no acabamento. A PPG ainda possui a linha Envirobase High Performance à base de água. A implantação deste sistema de pintura é uma tendência global, que no Brasil começa a se tornar realidade. Esta já é a terceira geração de tintas à base de água

www.jornaldopintor.com.br

lançada globalmente pela PPG e, segundo a empresa, se diferencia no mercado pela facilidade na aplicação e aumento de produtividade proporcionando um processo de conversão rápido e tranquilo, com pequeno investimento. Em 2011 a empresa lançou diversos produtos em todas estas linhas e promete outras novidades neste ano. A Sherwin-Williams Divisão Automotiva possui uma linha completa de produtos para repintura automotiva, com o objetivo de atender as mais diversas necessidades dos seus clientes. A linha AWX é um sistema base água, lançado em 2006 na Europa. Ele é composto por bases de cor para acabamento de veículos automotores, além do Primer Aquafill 1k (primer base água monocomponente), o SpectraPrime P30 (fundo pre-

parador de superfície, com secagem ultrarrápida e auto flexível) e o Verniz Ultra7000 CC940. De acordo com informações fornecidas pela empresa, o sistema AWX tem como principais características: ótima secagem, melhor reprodutibilidade de cor, é homologado por montadoras e atende às legislações internacionais, é fácil de aplicar, adaptável a qualquer instalação de pintura e não exige altos investimentos para a sua implementação. Além desta linha, a Sherwin-Wil­ liams Divisão Automotiva oferece produtos à base de solvente alto sólidos de alta performance. Neste conceito, foi recentemente disponibilizada ao mercado a linha FAST, que facilita e agiliza o trabalho do pintor, além de permitir que as oficinas reparem uma maior quantidade de carros por dia. Isso porque com a uti-

2012_JANEIRO • 17


. .. >> Ti n ta s Autom ot iva s < < . .................................................................................................

lização destes produtos é possível realizar a reparação de uma parte pequena de um carro em menos de 4 horas com secagem ao ar e em 40 minutos com aparelhos de secagem. A linha FAST é composta por: SpectraPrime (primer alto sólidos, disponível nas cores preto, cinza claro e branco) e o Speed Reducer SR15 (aditivo para o SpectraPrime que reduz ainda mais a secagem do primer). O SpectraPrime catalisado com H38, seca em 90 minutos ao ar; já com o H38 em conjunto com o SR15, seu tempo de secagem é reduzido para 20 minutos ao ar - uma economia de tempo de 77%. Faz parte ainda desta linha o Verniz Ultra 7000 Performance Clearcoat HPC15, com secagem ao ar de apenas 90 minutos e indicado para pequenas áreas. Para complementar o sistema de pintura, a Sherwin-Williams disponibiliza a linha Base Poliéster Ultra7000 Ultrabase, que tem alto poder de cobertura e utiliza menor quantidade de material para realizar um reparo, reduzindo desta forma a quantidade de VOC (Compos-

18 • JANEIRO_2012

tos Orgânicos Voláteis) emitido no meio ambiente. A Skylack Tintas e Vernizes é uma empresa 100% nacional, com tecnologia própria tendo como seu principal foco de atividade o segmento de repintura automotiva. Segundo Luiz Fernando Fruet, diretor da empresa, as principais características dos produtos das linhas da marca - Base Poliéster, Esmalte Poliuretano, Esmalte Sintético, Laca Nitrocelulose - são sua fidelidade de cor e consis-

tência de qualidade. “O portfólio de produtos da Skylack, somados ao seu sistema tintométrico Skymix, juntamente com uma equipe técnica altamente capacitada, permite aos nossos clientes e usuários um trabalho rápido, tranquilo, de excelente qualidade, características importantíssimas que estão garantindo nossa crescente participação no mercado brasileiro de repintura automotiva”, diz. A Starquímica produz uma ampla gama de produtos em sua planta em Indaiatuba (SP) para os mercados de OEM e repintura automotiva, entre outros. São tintas, primers, vernizes, complementos e solventes. Segundo a empresa, os produtos são fabricados a partir dos mais modernos processos e com as melhores matérias-primas sob a responsabilidade de profissionais experientes e comprometidos em atender às necessidades especiais de cada um dos clientes. Para a repintura automotiva, a Starquímica possui um portfólio completo,

de cores prontas para uso a um sistema base água, que oferta as três principais etapas do processo, livres de solvente: primer, tinta e verniz. Para o segmento de tintas automotivas, a empresa fornece tintas e vernizes destinados à pintura para rodas; tintas, vernizes e primers para puxadores de porta, painel, capa de espelho e frisos laterais; e fundo de efeito metálico para montadoras.

www.jornaldopintor.com.br


.. . >> T e le v i são < < . . . . . . . . . . . . . . . . . . ................................................................................................

Montana participa do Extreme Makeover Social A empresa juntou-se a seus parceiros Lao Engenharia e UPM Plantar para realizar um dos projetos do programa exibido pela TV Record

A vontade de fazer o bem e ajudar quem precisa uniu três grandes empresas em prol do mesmo objetivo: participar do Extreme Makeover Social, reformar a escola Semear e construir uma quadra poliesportiva coberta na instituição que fica em Campinas, interior de São Paulo. Lao Napolitano é parceiro da Montana há alguns anos e é o engenheiro responsável pelos projetos das obras da temporada de 2011 do programa. O profissional realiza trabalhos ecologicamente corretos e com responsabilidade social. Dessa forma, utilizou o acabamento Osmocolor stain que, além de proteger a madeira, valoriza seu aspecto e beleza. Para completar o ciclo e colocar a mão na massa, faltava a estrela principal, a madeira. Foi a vez da Plantar entrar em ação com o Amaru, peça-chave do inovador Sistema Construtivo Perfilado com propriedades físico-mecânicas específicas

www.jornaldopintor.com.br

para a construção civil. O Amaru foi desenvolvido especialmente para este mercado e recebe tratamento com Osmose K33 C, produto de alta eficácia para tratamento industrial. O projeto foi completado com louvor e as crianças da Semear já usufruem da estrutura reformada e da nova quadra. O Extreme Makeover é apresentado por Cris Arcangeli e finalizou no mês de outubro sua segunda temporada. O programa transmitido pela Rede Record aos sábados, passou por estados como Rio de Janeiro, Bahia e São Paulo, onde reformou, construiu creches, casa de apoio para crianças com câncer, um centro de convivência, além da escola citada acima. O episódio completo que conta com a participação da Montana pode ser assistido através do link: http://entretenimento.r7.com/emsocial/noticias/no_final_da_ segunda_temporada_programa_entrega_reforma_e_ampliacao-739.html

2012_JANEIRO • 19


. .. >> p a sso a pa ss o < < . . . . . . . . . . .................................................................................................

Castor mostra como obter efeito grafiato Empresa orienta sobre a escolha das ferramentas corretas e o preparo da superfície para conseguir este efeito decorativo Se a intenção é renovar o ambiente, mas sem grandes reformas, a aplicação de textura nas paredes é uma ótima solução. E a aplicação de massa para textura permite uma infinidade de efeitos, dependendo das ferramentas utilizadas. Um dos efeitos decorativos mais versáteis é o grafiato, que confere ao ambiente uma aparência rústica, mas elegante, e pode ser aplicado tanto em superfícies internas quanto externas, valorizando o acabamento das paredes. Especializada no desenvolvimento e fabricação de ferramentas e acessórios para as áreas de pintura e acabamento, a Castor está atenta à crescente demanda do mercado por soluções que valorizem as técnicas

de pintura, ajudando a criar o efeito desejado e uma decoração personalizada. Além do compromisso com a qualidade das ferramentas, a Castor procura orientar o usuário na utilização correta dos produtos para garantir a eficácia e o resultado correto de qualquer pintura ou efeito decorativo.

- espátula de aço inox 80 mm; - desempenadeira plástica branca para grafiato; - desempenadeira plástica mini para efeitos; - trincha gris série 700 (para retoques); - bandeja grande. Passo a passo do efeito grafiato

Material necessário Para se obter o efeito grafiato, além de selador, massa para textura granulada e tinta acrílica na cor escolhida, a Castor recomenda a utilização das seguintes ferramentas de sua linha de produtos: - rolo de lã máster com cabo; - desempenadeira de aço lisa BV;

Antes de iniciar a aplicação da textura, certifiquese de que toda a superfície de alvenaria que irá recebê-la está firme, seca e livre de qualquer sujeira, pó ou gordura. Lixe a parede para remover partículas soltas. Se as paredes forem novas, deve-se aguardar a cura do cimento por, no mínimo, 30 dias.

02

1º - Aplique uma demão de selador com o rolo de lã Máster e deixe secar completamente. O selador aumenta a fixação da textura na parede e, se for da mesma cor da textura, facilitará o trabalho (FOTO 01); 2º - Com o auxílio da espátula de aço coloque a textura, que pode ser branca ou pigmentada, na desempenadeira para poder aplicá-la na parede; 01

3º - Aplique o revestimento texturizado com auxílio da de-

03

sempenadeira de aço em movimentos amplos. Estenda a textura na superfície em áreas não superiores a 3m² (FOTO 02); 4º - Desempene a superfície com a mesma ferramenta no sentido vertical, de modo a deixar uma camada bem fina, uniforme e proporcional ao diâmetro do maior grão da textura; 5º - Faça o grafiato sobre a superfície revestida com a textura ainda úmida passando a desempenadeira plástica branca para grafiato de acordo com o efeito desejado: na vertical, horizontal, alternando os dois movimentos para obter um quadriculado ou em círculos (FOTO 03); 6º - Utilize a desempenadeira plástica mini para fazer retoques, acabamento em áreas pequenas, arredondadas ou ainda para refazer detalhes do efeito grafiato, quando necessário. Aguarde a secagem total da textura; 7º - Aplique duas demãos de tinta acrílica na cor de sua preferência. Para obter o grafiato quadriculado é necessário repuxar a textura nos sentidos horizontal e vertical. O efeito de risquinhos semicirculares poderá ser obtido fazendo movimentos circulares na textura com a desempenadeira plástica branca (FOTO 04); Está pronto! Ao terminar o trabalho é importante retirar 04 20 • JANEIRO_2012

todo o excesso de textura das ferramentas para poder reutilizá-las (FOTO 05).

05 www.jornaldopintor.com.br


.. . >> Oli ti n ta s < < . . . . . . . . . . . . . . . . . . .................................................................................................

Integração marca encerramento da Olitintas 2011 Após cinco meses de competição, que envolveram 1.045 atletas em 36 modalidades esportivas e 218 jogos, encerrou-se a XIV Olitintas – Olimpíada das Indústrias de Tintas e Vernizes – promovida pelo Sitivesp (Sindicato da Indústria de Tintas e Vernizes do Estado de São Paulo). O evento de encerramento oficial da Olitintas ocorreu no final do ano passado, no espaço de eventos da Fiesp (Federação das Indústrias do Estado de São Paulo) e contou com a presença de atletas participantes, coordenadores de esportes das indústrias associadas, representantes das empresas patrocinadoras e diretoria do Sitivesp. Para o encerramento de mais essa edição de sucesso foram entregues os troféus aos vencedores do 1º, 2º e 3º lugares do Grupo A (empresas com mais de 400 funcionários) e 1º, 2º, 3º e 4º lugares do Grupo B (até 400 funcionários). Foram homenageados também os atletas recordistas, as empresas patrocinadoras e a empresa mais disciplinada nas modalidades de futebol, com o troféu Fair Play “Sérgio Monteiro” – concedido à equipe da BASF. Foi em clima de confraternização e descontração que os colaboradores das indústrias de tintas e seus familiares e os fornecedores de matérias-primas e de embalagens deste segmento comemoraram o encerramento do maior evento esportivo do setor e que tem como objetivo a integração, por meio do esporte, de toda a cadeia produtiva de tintas e vernizes.

www.jornaldopintor.com.br

Vencedores destacam integração entre equipes Na décima quarta edição da Olitintas, que é promovida desde 1984, foram distribuídas um total de 807 medalhas de ouro, prata e bronze. A classificação das equipes e atletas somaram pontos e determinaram os vencedores dos dois grupos que disputaram as competições, sendo respectivamente premiadas: 1º BASF, 2º AkzoNobel e 3º DuPont (Grupo A); 1º Sherwin-Williams – Divisão Lazzuril, 2º CMP - Companhia Metalgráfica Paulista, 3º Transcor e 4º Saturno (Grupo B). “O destaque desta edição da Olitintas foi a confraternização e integração que houve entre as equipes, que deixaram a rivalidade, a concorrência de lado e fizeram prevalecer o espírito esportivo”, declarou Walmir de Oliveira Lima, que integra a diretoria de esportes da ADC (Associação Desportiva Classista) da Sherwin-

Williams. Ailton Andrade Medeiros Santos, também da ADC da Sherwin-Williams, ratifica: “A amizade, o senso de companheirismo esteve presente em todas as modalidades. Houve empresa que emprestou quadra para o time adversário treinar, outra que emprestou uniforme para a equipe concorrente, etc., tivemos vários exemplos”. Paulo Roberto Borges, gestor da ADC da BASF, atribui o bom desempenho da equipe no grupo A, à experiência do grupo e ao apoio dado pela diretoria. Das 14 edições da Olitintas, a empresa venceu em 12 e está no primeiro lugar pela 7ª vez consecutiva. Segundo Borges, esse ano houve bastante equilíbrio nas modalidades coletivas, mas a empresa investiu nas individuais, o que trouxe bons resultados. Os investimentos incluem a contratação de profissionais para treinar e toda uma estrutura de transporte, alimentação, uniformes, etc. “A Olitintas é o nosso foco e isso tudo já ocorre bem antes do início das competições. São cinco meses de trabalho, então tem que ter uma estrutura bem profissional para isso. Este ano tivemos a participação de 230 colaboradores da BASF na Olimpíadas”, conta Borges. O recordista da modalidade de ciclismo, Rogério Gouveia Del Nero, colaborador da BASF, é triatleta e pratica competições de longa distância, o Ironman. “Foi a primeira vez que participei da Olitintas e achei bem bacana, principalmente porque integra, inclusive, o pessoal que trabalha em localidades diferentes”, afirmou.

2012_JANEIRO • 21


G U I A

22 • JANEIRO_2012

D E

P R O D U T O S

&

S E R V I Ç O S

www.jornaldopintor.com.br


ONDE COMPRAR BEM artur alvin

caxingui

Butantã

anuncie aqui

santana

vila formosa

Para anunciar nesta seção sua loja pagará somente A loja mais completa de São Paulo

R$ 145,00 por mês. Ligue para:

Central Televendas [11]

3746-3450

Vl. Sonia Av. Prof. Francisco Morato, 3777 - (11) 3746-3450 Butantã Rua Camargo, 99 - (11) 3819-5000 Jabaquara Av. Jabaquara, 1863 - (11) 5587-1000 Osasco Av. dos Autonomistas, 413 - (11) 3743-4000

(11) 5645.0505

higienópolis

anuncie aqui

Para anunciar nesta seção sua loja pagará somente R$ 145,00 por mês. Ligue para: (11) 5645.0505

www.tintasfamosas.com.br anuncie aqui

pirituba

zona leste

Para anunciar nesta seção sua loja pagará somente R$ 145,00 por mês. Ligue para: (11) 5645.0505

butantã

cambuci

são mateus

ipiranga

zona leste

TUDO PARA A PINTURA DE SUA CASA E CARRO Rua Silva Bueno, 1.949 - Tel. 2914-0955 Av. Paes de Barros, 3.354 - Tel. 2274-1433 Via Anchieta, 1.200 - Tel. 2914-6800 www.comapitintas.com.br www.jornaldopintor.com.br

Vl. Prudente: Av. do Oratório, 3.215-A [11] 2024-9200 Mooca: Rua Visconde de Inhomerim, 1.148 [11] 2362-8600 www.atacadaodastintas.com.br

2012_JANEIRO • 23


ONDE COMPRAR BEM ZONA SUL

barueri/sp

piracicaba/SP

são bernardo do campo/SP

rio claro/sp

itajaí/sc

tintas automotivas • imobiliárias • industriais • artesanato e afins r. Joaquim Floriano 442 - Itaim Bibi - 3167-7821 Av. Prestes Maia 635 - Centro - 3228-3611 Av. Moreira Guimarães 1393 - Moema - 5044-3292 Av. Morumbi 8281 - Brooklin - 5531-7112 R. Domingos de Moraes 749 - Vl. Mariana - 5081-7330 R. Rui Barbosa 236 - Bela Vista - 3253-0123 Av. Rangel Pestana 1400 - Brás - 3313-2418 Rua da Mooca, 608 - 3207-0112

Sistemas: Selfcolor - Coral - Lukscolor - Lazzuril [automotiva ] Matriz: Rua Duque de Caxias 783 Centro Fone/Fax [11] 4198-5111 - sulamerica.tintas@terra.com.br Filial: Av. Independência 4911 Éden - Sorocaba/SP Fone [15] 3325-2523/3739 - Fax [15] 3325-3354 sulamericatintas@superig.com.br

BAURU/sp

Boituva/SP

[47]

Tintas das melhores marcas, com o melhor preço para o acabamento de sua construção. (15) (15)

3363-1303 3363-1304

tintas e artigos para pintura em geral

tintajai@brturbo.com.br

www.jctintas.com.br Av. Mário Pedro Vercellino, 362 - Centro

anuncie aqui

Rua Alfredo Eicke, 114 Barra do Rio

Santo André/SP

joaçaba/SC

Para anunciar nesta seção sua loja pagará somente R$ 145,00 por mês. Ligue para: (11) 5645.0505

mogi das cruzes/sp

rio de janeiro/rj

A Casa Do Ramo Que Mais Barato Vende Especializada em Tintas para Automóveis e Construção • Vernizes • Esmaltes • Solventes • Pincéis, etc. Entregas Rápidas

Matriz: Av. Dom Hélder Câmara, 7721 (antiga Suburbana) Piedade - Rio De Janeiro/RJ PABX (21) 2597.2644 Fax (21) 2596.8010 Filial: R. Barão de Ipanema, 43 - Loja A Copacabana - Rio De Janeiro/RJ / PABX (21) 2235.2910 e-mail: mar@mardastintas.com.br | www.mardastintas.com.br

osasco/SP

Santo andré/sp

rio de janeiro/rj

Pensou em Pintar, venha para ...

Tintas Automotivas, Frota, Hospitalar, Imobiliária, Industriais e Acessórios em geral av. dom helder câmara, 9440 - Cascadura - RJ tel.: [21] 2599-2606 | fax: [21] 2593-6122 www.colorimetria.com.br e-mail: colorimetria@colorimetria.com. br

Aqui não fazemos só tinta. Fazemos também amizade!!!

anuncie aqui

piracicaba/SP

anuncie aqui

Para anunciar nesta seção

Para anunciar nesta seção

sua loja pagará

sua loja pagará

somente

somente

R$ 145,00 por mês.

R$ 145,00 por mês.

Ligue para:

Ligue para:

(11) 5645.0505

(11) 5645.0505

24 • JANEIRO_2012

www.jornaldopintor.com.br


BOLSA DE SERVIÇO DA rePINTURA automotiva Esses valores são sugestivos podendo variar de região para região e não incluem montagem, desmontagem, parte elétrica e tapeçaria

SUGESTÃO BÁSICA DE ORÇAMENTO PARA REPINTURA AUTOMOTIVA:

esmalte sintético CAPÔ

esmalte poliuretano

CARRO PEQUENO

CARRO MÉDIO

CARRO GRANDE

PEÇA NOVA

170,00

200,00

230,00

PEÇA RECUPERADA

200,00

230,00

260,00

PARA-LAMA PEÇA NOVA PEÇA RECUPERADA

CAPÔ

CARRO PEQUENO

CARRO MÉDIO

CARRO GRANDE

PEÇA NOVA

250,00

300,00

350,00

PEÇA RECUPERADA

280,00

330,00

380,00

PARA-LAMA 80,00

100,00

120,00

PEÇA NOVA

140,00

170,00

200,00

100,00

120,00

150,00

PEÇA RECUPERADA

170,00

200,00

230,00

LATERAL TRASEIRA

LATERAL TRASEIRA 80,00

100,00

120,00

PEÇA NOVA

180,00

210,00

240,00

PEÇA RECUPERADA

100,00

120,00

150,00

PEÇA RECUPERADA

210,00

240,00

270,00

TETO

180,00

200,00

250,00

TETO

300,00

350,00

380,00

TRASEIRA COMPLETA

300,00

350,00

400,00

TRASEIRA COMPLETA

600,00

700,00

800,00

FRENTE COMPLETA

350,00

400,00

450,00

FRENTE COMPLETA

700,00

800,00

900,00

1.000,00

1.200,00

1.500,00

1.800,00

2.400,00

2.800,00

PEÇA NOVA

PINTURA TOTAL

PINTURA TOTAL

base poliéster CAPÔ

base água

CARRO PEQUENO

CARRO MÉDIO

CARRO GRANDE

CARRO PEQUENO

CARRO MÉDIO

CARRO GRANDE

PEÇA NOVA

250,00

300,00

350,00

PEÇA NOVA

450,00

500,00

550,00

PEÇA RECUPERADA

280,00

330,00

380,00

PEÇA RECUPERADA

450,00

500,00

550,00

PEÇA NOVA

140,00

170,00

200,00

PEÇA NOVA

400,00

450,00

500,00

PEÇA RECUPERADA

170,00

200,00

230,00

PEÇA RECUPERADA

400,00

450,00

500,00

PARA-LAMA

CAPÔ

PARALAMA

LATERAL TRASEIRA

LATERAL TRASEIRA

PEÇA NOVA

180,00

210,00

240,00

PEÇA NOVA

500,00

550,00

600,00

PEÇA RECUPERADA

210,00

240,00

270,00

PEÇA RECUPERADA

500,00

550,00

600,00

TETO

300,00

350,00

380,00

TETO

600,00

700,00

800,00

TRASEIRA COMPLETA

600,00

700,00

800,00

TRASEIRA COMPLETA

600,00

600,00

600,00

FRENTE COMPLETA

1.000,00

1.200,00

1.500,00

PINTURA TOTAL

4.000,00

5.000,00

6.000,00

CARRO PEQUENO

CARRO MÉDIO

CARRO GRANDE

80,00

100,00

120,00

FRENTE COMPLETA PINTURA TOTAL

700,00

800,00

900,00

1.800,00

2.400,00

2.800,00

laca nitrocelulose CAPÔ PEÇA NOVA PEÇA RECUPERADA

CARRO PEQUENO

CARRO MÉDIO

CARRO GRANDE

170,00

200,00

230,00

PEÇA NOVA PEÇA RECUPERADA

100,00

120,00

150,00

TETO

180,00

200,00

250,00

TRASEIRA COMPLETA

300,00

350,00

400,00

FRENTE COMPLETA

350,00

400,00

450,00

1.000,00

1.200,00

1.500,00

200,00

230,00

260,00

80,00

100,00

120,00

100,00

120,00

150,00

PARA-LAMA PEÇA NOVA PEÇA RECUPERADA

LATERAL TRASEIRA

PINTURA TOTAL

JP Diverte Corno convicto Era um marido realmente compreensivo. Quando morreu a mulher, o amante dela apareceu no velório e desatou a chorar e a lamentar-se na frente de todo mundo. - Não se aborrece – consolo o marido. – Eu caso de novo. Prevenindo - O senhor prefere que sua sogra seja enterrada ou cremada? www.jornaldopintor.com.br

- Primeiro cremada, depois enterrada. Sigilo Duas amigas conversam: - É realmente incrível como o seu filho se parece com o pai – diz a primeira. Ao que a outra responde: - Sim, mas fale baixo, senão meu marido ficará muito sentido. Exploração - O médico me garantiu que depois

da operação eu voltava a andar. - E acertou? - Sim, pois tive que vender o carro para pagar a operação. Precoce Zezinho pergunta à mãe: - Mãe, como foi que eu vim ao mundo? - Bem... Uma cegonha trouxe você... - Ah, é? E o meu papai? - O seu pai veio de um ovinho da páscoa!

- Hum... E o vovô? - O seu avô veio dentro do saco do Papai Noel! - Ih, mãe... Ninguém tem relações amorosas nesta família? Mata a velha Dois canibais batem papo enquanto almoçam. Diz um deles: - Detesto a minha sogra. - Esqueça-se dela – sugere o outro. – Coma só o macarrão. 2012_JANEIRO • 25


BOLSA DE SERVIÇO DA PINTURA PREÇOS BASEADOS EM CUSTO TOTAL FINAL APURADO

PLANILHA DE COTAÇÃO

(Mão-de-obra, leis sociais, faturamento, tintas, massas ou

Acima de 3 metros Nível A: Andaime

m² = Metro quadrado

vernizes em geral, ferramentas e equipamentos gerais,

Acima de 6 metros Nível B: Cadeira Suspensa

ml - Metro linear

inclusive balancins, etc), com responsabilidade total de

Acima de 6 metros Nível C: Balancim Manual

m = Metro

PINTURA PRONTA.

Acima de 6 metros Nível D: Balancim Elétrico S/B - Semibrilho

CONCRETO OU TIJOLO APARENTE Silicone base de água...................................................................................................................................................................................................10,29 m2 Silicone base solvente.....................................................................................................................................................................................................15,42 m2 Verniz acrílico base de água.......................................................................................................................................................................................12,04 m2 Verniz acrílico base de solvente..................................................................................................................................................................................18,59 m2 Verniz poliuretano monocomponente.................................................................................................................................................................... 22,72 m2

fundos e restaurações Descascamento de Superfície até 3 m................................................................................................................................................................... 0,35m² Descascamento de Superfície acima de 3 m..................................................................................................Nível A.....................................0,43m² Descascamento de Superfície acima de 6 m.................................................................................................. Nível B.....................................0,58m² Descascamento de Superfície acima de 6 m.................................................................................................. Nível C..................................... 0,67m² Descascamento de Superfície acima de 6 m..................................................................................................Nível D.....................................0,78m² Aplicação de Fundo Preparador até 3 m............................................................................................................................................................12,60m² Aplicação de Fundo Preparador acima de 3 m............................................................................................Nível A....................................13,30m² Aplicação de Fundo Preparador acima de 6 m............................................................................................ Nível B....................................14,05m² Aplicação de Fundo Preparador acima de 6 m............................................................................................ Nível C....................................14,40m² Aplicação de Fundo Preparador acima de 6 m............................................................................................Nível D....................................15,20m² Aplicação de Fundo Impermeabilizante até 3 m............................................................................................................................................. 15,10m² Aplicação de Fundo Impermeabilizante acima de 3 m............................................................................Nível A....................................15,80m² Aplicação de Fundo Impermeabilizante acima de 6 m............................................................................ Nível B....................................16,50m² Aplicação de Fundo Impermeabilizante acima de 6 m............................................................................ Nível C.................................... 17,20m² Aplicação de Fundo Impermeabilizante acima de 6 m............................................................................Nível D.................................... 17,90m² Restauração de Fissuras até 3 m................................................................................................................................................................................0,90ml Restauração de Fissuras acima de 3 m..............................................................................................................Nível A....................................... 1,20ml Restauração de Fissuras acima de 6 m.............................................................................................................. Nível B....................................... 1,45ml Restauração de Fissuras acima de 6 m.............................................................................................................. Nível C....................................... 1,75ml Restauração de Fissuras acima de 6 m..............................................................................................................Nível D......................................2,05ml Restauração de Trincas de Massa até 3 m............................................................................................................................................................ 3,10ml Restauração de Trincas de Massa acima de 3 m .......................................................................................Nível A......................................3,50ml Restauração de Trincas de Massa acima de 6 m ....................................................................................... Nível B......................................4,20ml Restauração de Trincas de Massa acima de 6 m......................................................................................... Nível C......................................4,90ml Restauração de Trincas de Massa acima de 6 m.........................................................................................Nível D......................................5,20ml Restauração de Trincas de Alvenaria até 3 m...................................................................................................................................................... 5,15ml Restauração de Trincas de Alvenaria acima de 3 m...................................................................................Nível A......................................5,70ml Restauração de Trincas de Alvenaria acima de 6 m................................................................................... Nível B......................................6,20ml Restauração de Trincas de Alvenaria acima de 6 m................................................................................... Nível C......................................6,90ml Restauração de Trincas de Alvenaria acima de 6 m...................................................................................Nível D...................................... 7,30ml Execução de Emboço até 3 m..................................................................................................................................................................................... 5,10m² Execução de Emboço acima de 3 m ..................................................................................................................Nível A.....................................6,30m² Execução de Emboço acima de 6 m .................................................................................................................. Nível B..................................... 7,05m² Execução de Emboço acima de 6 m................................................................................................................... Nível C..................................... 7,90m² Execução de Emboço acima de 6 m...................................................................................................................Nível D.....................................8,40m²

pintura interna - TETOS E PAREDES Látex PVA simples c/fundo uniformizante - sobre emboço............................................................................................................................. 6,47 m2 Látex PVA c/massa corrida padrão comercial - sobre emboço ou gesso.............................................................................................. 9,07 m2 Látex PVA c/massa corrida padrão luxo e retoques c/iluminação farta no local sobre emboço ou gesso............................................................................................................................................................................... 11,89 m2 Látex PVA c/massa corrida padrão luxo e retoques sobre emboço ou gesso c/acabamento final em verniz sobre látex (liquibrilho)...................................................................................................................................12,44 m2 Só massa corrida para receber papel de parede sobre emboço.......................................................................................................... 5,69 m2 Óleo simples c/faixa sinalizada para barras de garagem.........................................................................................................................15,00 m2 Óleo c/massa corrida e faixas sinalizadas para barras de garagem....................................................................................................17,36 m2 Esmalte acetinado c/massa corrida sobre emboço fino padrão luxo...................................................................................................18,58 m2 Esmalte automotivo tipo laca brilhante c/massa corrida............................................................................................................................. 40,66 m2 Quantil ou similar sobre fundo látex simples........................................................................................................................................................ 13,22m2 Quantil ou similar sobre massa corrida e fundo látex....................................................................................................................................18,04 m2 Epóxi bicomponente simples....................................................................................................................................................................................... 41,76 m2 Epóxi bicomponente c/massa corrida adequada......................................................................................................................................... 56,43 m2 Poliuretano bicomponente simples........................................................................................................................................................................... 43,12 m2 Poliuretano bicomponente c/massa corrida adequada............................................................................................................................. 62,06 m2 Borracha clorada simples............................................................................................................................................................................................... 31,66 m2 Textura - Externa | Interna............................................................................................................................................................................ 15,68 | 19,04 m2 Pátina................................................................................................................................................................................................................... 22,40 | 28,00 m2 Pintura Manchada............................................................................................................................................................................................... 8,96 |14,56 m2 Aplicação de Massa PVA até 3 m.............................................................................................................................................................................. 4,20m² Aplicação de Massa PVA acima de 3 m ......................................................................................................... Nível A....................................... 4,83m² Aplicação de Massa PVA acima de 6 m ..........................................................................................................Nível B....................................... 5,58m² Aplicação de Gesso sobre Emboço até 3 m....................................................................................................................................................... 4,42m² Aplicação de Gesso sobre Emboço acima de 3 m.................................................................................... Nível A.........................................5,10m² Aplicação de Gesso sobre Emboço acima de 6 m.....................................................................................Nível B....................................... 5,98m² Aplicação de Massa Única até 3 m......................................................................................................................................................................... 18,00m² Aplicação de Massa Única acima de 3 m ..................................................................................................... Nível A......................................18,30m² 26 • JANEIRO_2012

Aplicação de Massa Única acima de 6 m ......................................................................................................Nível B....................................... 19,10m² Aplicação de Textura até 3 m..................................................................................................................................................................................... 12,20m² Aplicação de Textura acima de 3 m ................................................................................................................ Nível A......................................13,05m² Aplicação de Textura acima de 6 m .................................................................................................................Nível B......................................13,60m² Aplicação de Textura Tipo Rústica até 3 m........................................................................................................................................................... 16,30m² Aplicação de Textura Tipo Rústica acima de 3 m ....................................................................................... Nível A.......................................17,40m² Aplicação de Textura Tipo Rústica acima de 6 m ........................................................................................Nível B........................................18,12m² Látex PVA sobre Massa até 3 m..................................................................................................................................................................................7,90m² Látex PVA sobre Massa acima de 3 m ............................................................................................................. Nível A.........................................8,14m² Látex PVA sobre Massa acima de 6 m ..............................................................................................................Nível B.........................................8,91m² Látex PVA sobre Massa Única até 3 m.................................................................................................................................................................... 8,70m² Látex PVA sobre Massa Única acima de 3 m ............................................................................................... Nível A....................................... 8,95m² Látex PVA sobre Massa Única acima de 6 m ................................................................................................Nível B.......................................9,80m² Látex PVA sobre Gesso até 3 m................................................................................................................................................................................. 9,50m² Látex PVA sobre Gesso acima de 3 m ............................................................................................................. Nível A....................................... 9,84m² Látex PVA sobre Gesso acima de 6 m ..............................................................................................................Nível B......................................10,78m² Látex PVA sobre Textura até 3 m...............................................................................................................................................................................10,45m² Látex PVA sobre Textura acima de 3 m ............................................................................................................ Nível A......................................10,82m² Látex PVA sobre Textura acima de 6 m .............................................................................................................Nível B........................................11,85m² Látex Acrílico Fosco sobre Gesso até 3 m............................................................................................................................................................. 14,70m² Látex Acrílico Fosco sobre Gesso acima de 3 m ......................................................................................... Nível A......................................15,54m² Látex Acrílico Fosco sobre Gesso acima de 6 m ..........................................................................................Nível B......................................16,38m² Látex Acrílico S/B sobre Gesso até 3 m...................................................................................................................................................................16,18m² Látex Acrílico S/B sobre Gesso acima de 3 m .............................................................................................. Nível A........................................ 17,12m² Látex Acrílico S/B sobre Gesso acima de 6 m ...............................................................................................Nível B......................................18,00m²

pintura EXTERNA Látex PVA tipo interior/exterior até 6m alt............................................................................................................................................................. 6,25 m2 Látex acrílico c/fundo uniformizante de textura até 6m alt..........................................................................................................................12,58 m2 Idem acima de 6m alt....................................................................................................................................................................................................... 17,51 m2 Textura acrílica c/calafetação e látex acrílico......................................................................................................................................................15,77 m2 Aplicação de Massa Acrílica até 3 m....................................................................................................................................................................... 13,60m². Aplicação de Massa Acrílica acima de 3 m ................................................................................................... Nível A.......................................14,20m² Aplicação de Massa Acrílica acima de 6 m ....................................................................................................Nível B.......................................14,70m² Aplicação de Massa Acrílica acima de 6 m.....................................................................................................Nível C..................................... 25,35m² Aplicação de Massa Acrílica acima de 6 m.................................................................................................... Nível D.......................................16,30m² Aplicação de Massa Única até 3 m........................................................................................................................................................................... 15,10m² Aplicação de Massa Única acima de 3 m ..................................................................................................... Nível A.......................................15,80m² Aplicação de Massa Única acima de 6 m ......................................................................................................Nível B.......................................16,40m² Aplicação de Massa Única acima de 6 m........................................................................................................Nível C........................................17,05m² Aplicação de Massa Única acima de 6 m....................................................................................................... Nível D........................................ 18,10m² Aplicação de Textura Acrílica até 3 m...................................................................................................................................................................... 13,60m² Aplicação de Textura Acrílica acima de 3 m .................................................................................................. Nível A.......................................14,50m² Aplicação de Textura Acrílica acima de 6 m ...................................................................................................Nível B........................................ 15,10m² Aplicação de Textura Acrílica acima de 6 m....................................................................................................Nível C.......................................16,40m² Aplicação de Textura Acrílica acima de 6 m................................................................................................... Nível D........................................17,90m² Aplicação de Textura Tipo Rústica até 3 m............................................................................................................................................................ 16,32m² Aplicação de Textura Tipo Rústica acima de 3 m ....................................................................................... Nível A........................................17,40m² Aplicação de Textura Tipo Rústica acima de 6 m ........................................................................................Nível B.........................................18,12m² Aplicação de Textura Tipo Rústica acima de 6 m..........................................................................................Nível C.......................................19,68m² Aplicação de Textura Tipo Rústica acima de 6 m......................................................................................... Nível D..................................... 22,68m² Látex Acrílico Fosco sobre Massa Acrílica até 3 m.............................................................................................................................................. 14,00m² Látex Acrílico Fosco sobre Massa Acrílica acima de 3 m ......................................................................... Nível A.......................................14,80m² Látex Acrílico Fosco sobre Massa Acrílica acima de 6 m ..........................................................................Nível B.......................................15,60m² Látex Acrílico Fosco sobre Massa Acrílica acima de 6 m............................................................................Nível C.......................................16,05m² Látex Acrílico Fosco sobre Massa Acrílica acima de 6 m........................................................................... Nível D.......................................16,90m² Látex Acrílico Fosco sobre Massa Única até 3 m................................................................................................................................................ 14,90m² Látex Acrílico Fosco sobre Massa Única acima de 3 m ............................................................................ Nível A.......................................15,30m² Látex Acrílico Fosco sobre Massa Única acima de 6 m .............................................................................Nível B.......................................16,05m² Látex Acrílico Fosco sobre Massa Única acima de 6 m..............................................................................Nível C.......................................16,80m² Látex Acrílico Fosco sobre Massa Única acima de 6 m............................................................................. Nível D......................................... 17,10m² Látex Acrílico Fosco sobre Textura até 3 m.............................................................................................................................................................. 15,10m² Látex Acrílico Fosco sobre Textura acima de 3 m ........................................................................................ Nível A.......................................15,80m² Látex Acrílico Fosco sobre Textura acima de 6 m .........................................................................................Nível B.......................................16,50m² Látex Acrílico Fosco sobre Textura acima de 6 m...........................................................................................Nível C........................................17,20m² Látex Acrílico Fosco sobre Textura acima de 6 m.......................................................................................... Nível D........................................17,90m² Látex Acrílico S/B sobre Massa Acrílica até 3 m....................................................................................................................................................15,41m² Látex Acrílico S/B sobre Massa Acrílica acima de 3 m .............................................................................. Nível A.........................................16,31m² Látex Acrílico S/B sobre Massa Acrílica acima de 6 m ...............................................................................Nível B......................................... 17,15m² Látex Acrílico S/B sobre Massa Acrílica acima de 6 m................................................................................Nível C........................................17,65m² Látex Acrílico S/B sobre Massa Acrílica acima de 6 m............................................................................... Nível D.........................................18,61m² Látex Acrílico S/B sobre Massa Única até 3 m..................................................................................................................................................... 16,40m² Látex Acrílico S/B sobre Massa Única acima de 3 m ................................................................................ Nível A........................................17,40m² Látex Acrílico S/B sobre Massa Única acima de 6 m...................................................................................Nível B........................................17,65m² Látex Acrílico S/B sobre Massa Única acima de 6 m...................................................................................Nível C.......................................18,50m² Látex Acrílico S/B sobre Massa Única acima de 6 m.................................................................................. Nível D.......................................18,80m² www.jornaldopintor.com.br


BOLSA DE SERVIÇO DA PINTURA Látex Acrílico S/B sobre Textura até 3 m................................................................................................................................................................. 16,60m² Látex Acrílico S/B sobre Textura acima de 3 m.............................................................................................. Nível A........................................17,40m² Látex Acrílico S/B sobre Textura acima de 6 m...............................................................................................Nível B.........................................18,15m² Látex Acrílico S/B sobre Textura acima de 6 m...............................................................................................Nível C.......................................18,90m² Látex Acrílico S/B sobre Textura acima de 6 m.............................................................................................. Nível D.......................................19,70m² Verniz Acrílico sobre Concreto Aparente até 3 m................................................................................................................................................. 14,00m² Verniz Acrílico sobre Concreto Aparente acima de 3 m ............................................................................ Nível A.......................................14,80m² Verniz Acrílico sobre Concreto Aparente acima de 6 m .............................................................................Nível B.......................................15,60m² Verniz Acrílico sobre Concreto Aparente acima de 6 m..............................................................................Nível C.......................................16,05m² Verniz Acrílico sobre Concreto Aparente acima de 6 m............................................................................. Nível D.......................................16,90m² Látex Acrílico sobre Piso.....................................................................................................................................................................................................11,80m² Látex Acrílico sobre Piso (Faixas de Demarcação)................................................................................................................................................ 5,40ml

SUPERFÍCIES METÁLICAS Só repintura em esmalte, grafite ou alumínio.....................................................................................................................................................13,08 m2 Desoxidação esmalte, grafite ou alumínio c/fundo zarcão............................................................................................................................ 17,10 m2 Idem c/fundo especial - galvanizados ou alumínio......................................................................................................................................... 19,24 m2 Esmalte, grafite ou alumínio em perfis, cantoneiras, batentes e tubulações aparentes até 4”...................................................................................................................................................................................................................6,61 m2 Idem calhas ou rufos......................................................................................................................................................................................................... 6,85 m2 Esmalte grafite ou alumínio com massa automotiva...................................................................................................................................... 28,92 m2 Tratamento, zarcão e epóxi bicomponente e acabamento...................................................................................................................... 63,70 m2

REGRAS DE MEDIÇÃO Venezianas: multiplicar por 3. Vitrô basculante: multiplicar o vão por 3. Vitrô não-basculante e janelas: multiplicar por 2. Grade: multiplicar por 3. Caiação interna ou externam borracha clorada ou epóxi: não descontar vãos até 4,00 m2. Para vãos superiores a 4,00 m2 deduzir apenas o que exceder a este valor. Têmpera de gesso, cola, têmpera lavável e látex: não descontar vãos de até 2,00 m2. Para vãos superiores a 2,00 m2 deduzir apenas o que exceder a este valor. Espaletas, faixas, vigas e molduras isoladas com largura de até 40 cm., são medidas por metro linear e cobradas a razão de 50% dos preços unitários por m2. Caixilhos de ferro, ferragens pesadas: multiplicar a área do vão-luz por 2.

MAPA DE CÁLCULO DE DILUIÇÃO, Nº DE DEMÃOS E RENDIMENTO DAS TINTAS

TIPO DE TINTAS

SOLVENTES

SUPERFÍCIES DE MADEIRA Óleo sem massa - obras populares.........................................................................................................................................................................12,20 m Idem rodapés.........................................................................................................................................................................................................................3,48 m Idem beirais até 60 cms. larg. madeira à vista..................................................................................................................................................10,43 m2 Verniz poliuretano tipo naval - obras populares................................................................................................................................................. 14,10 m2 Idem rodapés......................................................................................................................................................................................................................... 6,47 m Idem beirais até 60 cms. larg. madeira à vista................................................................................................................................................. 10,80 m2 Esmalte acetinado c/massa corrida padrão comercial..................................................................................................................................19,00 m2 Idem rodapés........................................................................................................................................................................................................................... 7,84m Esmalte acetinado c/massa corrida a óleo padrão luxo........................................................................................................................... 22,60 m2 Idem rodapés........................................................................................................................................................................................................................ 9,80 m Esmalte automotivo alto brilho c/massa corrida adequada e lixa d’água...................................................................................... 60,37 m2 Idem rodapés......................................................................................................................................................................................................................... 29,13m Laqueação, acabamento pome em pó............................................................................................................................................................. 69,20 m2 Lustração natural c/cera a boneca padrão comercial....................................................................................................................................17,46 m2 Lustração natural c/goma laca padrão luxo..................................................................................................................................................... 26,36 m2 2

diversos Caiação até 3 m.................................................................................................................................................................................................................. 4,27m² Caiação acima de 3 m ............................................................................................................................................. Nível A........................................ 4,53m² Caiação acima de 6 m ..............................................................................................................................................Nível B........................................ 4,80m² Caiação acima de 6 m...............................................................................................................................................Nível C........................................5,04m² Caiação acima de 6 m.............................................................................................................................................. Nível D........................................ 5,29m² Verniz Filtro Solar Marítimo........................................................................................................................................................................................... 32,30m² Esmalte Sintético................................................................................................................................................................................................................. 37,30m² Barrado de Garagem em Esmalte Sintético....................................................................................................................................................... 39,80m² Pintura de Tubulação e Corrimão em Esmalte Sintético................................................................................................................................. 29,60ml

fachadas Lavagem Externa com Hidrojateamento até 3 m................................................................................................................................................. 1,05m2 Lavagem Externa com Hidrojateamento acima de 3 m........................................................................... Nível A..........................................1,65m² Lavagem Externa com Hidrojateamento acima de 6 m............................................................................Nível B..........................................2,15m² Lavagem Externa com Hidrojateamento acima de 6 m............................................................................Nível C........................................ 2,39m² Lavagem Externa com Hidrojateamento acima de 6 m........................................................................... Nível D........................................ 2,98m² Instalação de Tela Fachadeiro.......................................................................................................................................................................................5,10m² Bandeja Nível A.................................................................................................................................................................................................................. 45,80ml Bandeja Suspensa acima de 3 m..............................................................................................................................................................................76,30ml

Estrutura metálicas planas: multiplicar a área de projeção horizontal por 2. Estruturas metálicas ou de madeira em arco: aumentar 30% a área de projeção horizontal e multiplicar por 2. Estruturas metálicas: multiplicar a área do vão-luz por 2. Elementos vazados: multiplicar a área por 5. Terças e elementos de sustentação de telhas: multiplicar a área de projeção horizontal por 2. Esquadrias de madeira: Portas ou janelas-guilhotina com batentes: multiplicar a área do vão-luz por 3. Portas ou janelas-guilhotina sem batentes: multiplicar a área do vão-luz por 2. Caixilhos com venezianas: multiplicar a área do vão-luz por 5.

Líquido Base PVA Incolor Líquido Base Acrílico Incolor Líquido Impermeabilizante a Óleo Selador Pigmentado PVA Selador Pigmentado Acrílico Primer a Óleo para Madeiras Primer Surfacer Zarcão Comum Fundos Anticorrosivos Sintéticos Zarcão Preparado tipo Petrobras Zarcão Borracha Clorada Zarcão Epóxi Catalisado Cromato de Zinco Primer Epóxi Catalisado Óxido Primer Epóxi Catalisado Branco Primer para Galvanizados Massa PVA e Acrílica Super Extra Massa a Óleo e Sintéticas Massa Epóxi Catalisada Massa para Madeira Tinta Látex PVA Super Extra Tinta Látex PVA 2ª Linha Tinta Acrílica 100% Super Extra Tinta a Óleo Fosca Tinta a Óleo Brilho Super Extra Esmalte Sintético Brilho Super Extra Esmalte Sintético Semibrilho Super Tinta Grafite Super Extra Tinta Alumínio Super Extra Esmalte Epóxi Brilhante Catalisado Esmalte Epóxi Semibrilho Catalisado Esmalte Poliuretano Catalisado Esmalte Borracha Clorada Tinta Demarcação Borracha Clorada Tinta Cerâmica Super Extra Stain Semitransparente para Madeira Stain Cores Sólidas para Madeira Verniz Copal Brilhante Verniz Marítimo Brilhante Verniz Seda Sintético Semibrilho Verniz Epóxi Catalisado Verniz Poliuretano Catalisado Verniz Premium Duplo Filtro para Madeira

Água Água Aguarrás Água Água Aguarrás Thinner Aguarrás Aguarrás Aguarrás Solvente próprio Solvente próprio Aguarrás Solvente próprio Solvente próprio Aguarrás Água Aguarrás Solvente próprio Água Água Água Água Aguarrás Aguarrás Aguarrás Aguarrás Aguarrás Aguarrás Solvente próprio Solvente próprio Solvente próprio Solvente próprio Solvente próprio Aguarrás Aguarrás Aguarrás Aguarrás Aguarrás Aguarrás Solvente próprio Solvente próprio Aguarrás

DILUIÇÃO Trincha

Rolo

Pistola

Nº de Demãos

Rend. p/ Demão

15% 30% 20% 10% 10%

50 a 100% 15% 40% até 30% até 20% até 10% até 10% até 10% até 10% até 10% até 10% até 10% até 10% 10% 15% 10% até 15% até 15% até 10% até 10% até 10% até 10% até 10% até 10% até 10% 10% 20% 20% 20% 25% 20% 20% 5%

10 a 20% 20% 20% 30% 20% 20% 40% 40% 20% 20% 20% 20% 20% 20% até 25% 20% 20% 20% 20% 20% 20% 20% 20% 20% 20% 30% 20% 30% 30% 30% 30% 30% 30% 10%

1 1 1 1 1 1 1 1 1 1 1 1 1 1 1 1 3 3 4 finas 3 3 3 2 2 2 2 2 2 2 2 2 2 2 2 3 2 3 3 3 2 2 3

30 m2 30 m2 30 m2 25 m2 25 m2 25 m2 25 m2 30-40 m2 30-40 m2 30-40 m2 30-40 m2 30-40 m2 30-40 m2 50-70 m2 50-70 m2 50-70 m2 08-12 m2 5 m2 5 m2 14--15 m2 30-35 m2 25-30 m2 30-40 m2 30-40 m2 30-40 m2 40-45 m2 40-45 m2 40-45 m2 40-45 m2 40-45 m2 40-45 m2 40-45 m2 25-30 m2 25-30 m2 18 m2 70 m2 50 m2 30-40 m2 30-40 m2 30-40 m2 30-40 m2 30-40 m2 30 m2

10% 10% 30% 30% 10% 10% 10% 10% 10% 10% 15% 10% 10% 10% 10% 10% 10% 10% 10% 10% 10% 10% 10% 15% 15% 15% 20% 15% 15% -

- Os rendimentos apontados são válidos para a embalagem: galão 3,6 litros. - O rendimento real, dependendo do método de aplicação preparo de superfícies e condições de trabalho.

Divulgue sua empresa e seus produtos em uma das páginas mais lidas do Jornal do Pintor pelos pintores. Patrocine a bolsa de serviço da pintura.

(11) 5645.0505

www.jornaldopintor.com.br

2012_JANEIRO • 27


JP #548  

Jornal do Pintor - Edição de Janeiro 2012

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you