Issuu on Google+

PERILLO

ALONSO

DUELO

Quer conversa particular

Mostra realidade

De olho na decisão

Governador disse que quer conversar particular com a CPI. nA5

Piloto acredita que corrida evidenciará o quanto o modelo F2012 evoluiu. nC2

Santos e São José já estão de olho na classificação para a final. nC1

Fundado em 04 de Fevereiro de 1987

Macapá-AP, Quinta e Sexta-feira, 07 e 08 de Junho de 2012 - Ano XXV

Domingo e Segunda R$ 3,50 - Terça a Sábado R$ 1,50

CABO DE GUERRA

Greve na Educação continua e governo corta gratificações

Enquanto que por um lado os professores decidiam ontem, em assembleia geral, continuar com a greve, por outro o governo tomava medidas mais firmes cortando

as gratificações da categoria. O Sinsepeap promete recorrer às cortes superiores de Justiça para fazer valer os direitos da classe. nB1 HEVERTON MENDES

R$ 50 MILHÕES

Intervenção em banco não afeta investimentos, diz Amprev Direção da instituição diz que contribuintes não terão perdas pois os investimentos são independentes. nB4

ELEIÇÕES 2012

PP confirma Cleuma Duarte na disputa pela Prefeitura nA3 Assembleia geral dos professores ontem, na quadra do CCA: flagrante do momento em que os professores decidiram pela continuidade da greve

SOB INVESTIGAÇÃO

MACAPÁ

Malha viária: buracos Procon levanta suspeita de formação de cartel entre postos e muito prejuízo para motoristas Essa é a realidade das ruas ço de tapa-buracos. Abaixo, de Macapá que ultimamen- flagrante do descaso com a te recebem, apenas, o servi- malha viária. nB3

Fiscalização nos postos de combustíveis de Macapá e Santana tem o objetivo de averiguar suposto alinhamento

de preços. A ação foi montada após o órgão ter recebido diversas denúncias. nB3 HEVERTON MENDES

HEVERTON MENDES

Fiscais do Procon verificam de perto os preços: pesquisa vai apontar se há ou não formação de cartel

Motoristas tenta retirar seu carro do buraco, na Avenida Ana Nery

UNIFAP

Depois dos professores, técnicos anunciam greve Categoria pede que o piso da classe seja reajustado em pelo menos três salários mínimos. nB1

HEVERTON MENDES

ECONOMIA

Feriado reduz vendas no comércio O movimento ainda é menor quando os feriados caem no início ou no fim da semana, como é o caso deste feriado de Corpus Christi. nB3

Por conta do feriado, lojas amargam fracas vendas

NA INTERNET www.jdia.com.br - REDAÇÃO 3217.1117 - COMERCIAL jdcomercial@jdia.com.br 3217.1100 - DISTRIBUIÇÃO 3217.1111 - ATENDIMENTO 3217.1110


JD

Opinião

Macapá-AP, quinta e sexta-feira, 07 e 08 de junho de 2012

Editor: Fabrício Costa - fabriciocosta@jdia.com.br

Cenário desfavorável RODOLFO JUAREZ

Jornalista rodolfojuares@gmail.com

O

s desgastes que os agentes públicos, principalmente aqueles responsáveis pela governança do Estado e dos Municípios, estão acelerado demais. Os pequenos problemas estão ganhando volume acima de qualquer expectativa e as consequências abatem os gestores pelo sentimento de injustiça que acabam assimilando. Era preciso que houvesse mais cuidado, maior precaução e preparo específico dos auxiliares diretos do governador do Estado ou de qualquer um dos prefeitos municipais para que o desgaste fosse absorvido ou digerido na mesma velocidade do ataque. Mas não! Está havendo, ao que parece, interesses que esses gestores se desgastem abraçados, mesmo que de costas, como se isso interessasse a alguém, mesmo que fosse aquele que estivesse com a responsabili-

dade de evitar os prejuízos. Na “platéia” a população se divide em blocos: os que apóiam e defendem, os que apóiam, mas não defendem, os que atacam por atacar, os que atacam e escondem a mão e aqueles que já desistiram e estão esperando o tempo passar e ver quem tem sobrevida. Vale lembrar aqui que nem todo interesse da população se concentra nos interesses políticos eleitorais daqueles que estão, por permissão do eleitor, nos pontos de comando do Estado. Eles estão ali, com tempo determinado e para se valer de suas forças máximas e alcançar os resultados que consideram indispensáveis e essenciais para a população. Por enquanto até mesmo os auxiliares de áreas eminentemente técnicas se confundem com os comandos políticos, aqueles mesmos organizados para o desenvolvimento das

campanhas que obtiveram sucesso e levaram os seus respectivos candidatos aos cargos que disputaram nas eleições. Esse parece, no momento, o principal erro. Não sobra tempo tanto para aqueles que priorizarem a administração; como para aqueles que priorizarem a campanha política. O papel do comando, principalmente nos próximos 120 dias, é fundamental para o alinhamento das competências e a obtenção do resultado que pode representar o sucesso ou o insucesso depois do dia 7 de outubro, dia da votação para escolha dos 16 prefeitos e seus respectivos vices e os 176 vereadores e seus respectivos suplentes. Enquanto as greves persistem, o desgaste aumenta, a desconfiança impera e os resultados mínguam, deixando os gestores aborrecidos com o que queriam fazer e não puderam e tendo que se acalmar com as desculpas dos auxiliares que acabam não assumindo os erros cometidos e estão prontos para

dividir repartir o insucesso com quem não teve qualquer participação no resultado. Nesse momento se vê apenas os dirigentes partidários falarem em sucesso, em vitória, em ganhar as eleições, mas fazendo cálculos em cima de resultados, muitos vindos da administração pública diretamente e outros do desempenho do administrador. É ai que a questão embola. Os administradores estão sempre procurando desvencilhar-se dos problemas que enfrentam e a administração não tem gordura suficiente para queimar e tornar a população compromissada, mesmo que emocionalmente, com um projeto que não conhece e com uma proposta que não está dando certo. O cenário atual, seja o político ou o administrativo não é favorável aos que pleiteiam os cargos oferecidos nas eleições de 2012 ou o salto para as eleições de 2014.

Acentuação gráfica é só para a escrita ADILSON ALVES Colunista

O

propósito desta coluna é aprofundar uma questão levantada por um leitor de que a queda de alguns acentos diferenciais “fará com que nossa fala fique mais ambígua e difícil do que já é”. Dois exemplos dados na coluna anterior: caíram os acentos de “pêra” (fruta) e “pára” (flexão do verbo parar). Como procurei deixar claro ao leitor, a fala não será afetada pela queda dos acentos. Ou seja, continuamos falando do mesmo jeito que antes. A reforma ortográfica atinge apenas a escrita. A grafia de “auto-escola” passou a ser “autoescola” e, para ficarmos com um exemplo, digamos, mais radical, “jibóia” passou a ser “jiboia”, sem acento. Em ambos os casos, mudamos a forma de escrever, mas a de falar é absolutamente a mesma. A acentuação serve apenas como um dispositivo para a representação gráfica das palavras. Quando pronunciamos a palavra

“secretaria”, ouvimos a sílaba “ri” se destacar (se-cre-ta-RI-a). Se pronunciamos “secretária”, percebemos que a sílaba “tá” se destaca (se-cre-TÁ-ria). Essa distinção é automática na fala de qualquer brasileiro, independentemente do grau de escolaridade. Por isso, ambiguidades estão descartadas. Mas na escrita, conforme a

situação, pode haver mal-entendidos, embora pontuais. Vamos supor que um jornalista queira dizer que determinada pessoa esteja almejando uma secretaria, isto é, uma pasta na administração pública (Educação, Fazenda, Comércio etc.). Aí, por um simples erro de digitação, nos informa isto: “Ele não esconde de ninguém

que deseja essa secretária há anos”. Mesmo que a matéria tenha elementos para supor que se trata de um cargo, a informação literal, ao pé da letra, é de que essa pessoa está de olho numa mulher que exerce a função de secretária. Contudo, até mesmo em casos extremos como esse, o leitor vai levar em conta a matéria completa.

Uma publicação do Jornal do Dia Publicidade Ltda. CNPJ 34.939.496/0001-85 Fundado em 4 de fevereiro de 1987 por Otaciano Bento Pereira(+1917-2006) e Irene Pereira(+1923-2011) Primeiro Presidente Júlio Maria Pinto Pereira(+1954-1994) Diretor Executivo: Marcelo Ignacio da Roza Diretora Corporativa: Lúcia Thereza Pereira Ghammachi Assessoria Jurídica e Tributária: Américo Diniz (OAB/AP 194) Eduardo Tavares (OAB/AP 27421) Editor-Chefe: Janderson Carlos Nogueira Cantanhede Gerente Comercial: Andrew Gustavo Cavalcante dos Santos CONSELHO EDITORIAL Presidente: Aldenor Benjamim dos Santos

Secretário Executivo: Marcelo Ignacio da Roza

Conselheiros: Carlos Augusto Tork de Oliveira

José Arcângelo Pinto Pereira

Danieli Amanajás Scapin

Luiz Alberto Pinto Pereira

Janderson Carlos Nogueira Cantanhede

Maria Inerine Pinto Pereira

Índice

Opinião - A2 Geral - A3, A4 Política Nacional - A5 Economia - A6

Geral - A7 Social - A8 Dia Dia - B1, B3, B4 Polícia - B2

Endereços Redação, Administração, Publicidade e Oficinas: Rua Mato Grosso, 296, Pacoval, Macapá (AP) - CEP 68908-350 - Tel.: (96) 3217.1110 E-mails pautas e contato com a redação: jornaldodia@jdia.com.br Editor-Chefe: cantanhede@jdia.com.br departamento comercial: jdcomercial@jdia.com.br josemaria@jdia.com.br mariaruth@jdia.com.br JD na Internet: www.jdia.com.br VIA CELULAR: m.jdia.com.br Representantes comerciais JC Repres. Com. Ltda. - Brasília, DF n Tel. (61) 2262-7469 - Rio de Janeiro, RJ nº Tel. (21) 2223-7551, São Paulo New Mídia - Belém-PA (Gil Montalverne) Tel.: (91) 3279-3911 / 8191-2217 Contatos Fale com a redação (96) 3217-1117 Fale com o departamento comercial (96) 3217-1100 / 3217-1111 Geral (96) 3217-1110 Conceitos emitidos em colunas e artigos são de responsabilidade de seus autores e nem sempre refletem a opinião deste jornal. Os originais não são devolvidos, ainda que não publicados. Proibida a reprodução de matérias, fotos ou outras artes, total ou parcialmente, sem autorização prévia por escrito da empresa editora.

Esportes - C1 e C2 Atualidades - C3 Diversão&Cultura - C4 Classidia - 12 Pág

Edição número

7922

A2

Editorial

D

Faltou prevenção

epois de comemorar uma negociação bem sucedida com o Sindicato dos Trabalhadores em Saúde do Amapá (Sindsaúde), em abril, o Governo do Estado acabou tropeçando diante de um problema que parecia ter magnitude menor, o controle dos plantões médicos. O mandato do governador Camilo Capiberibe (PSB) começou, em 2011, com dois problemas inesperados: as greves dos profissionais da educação e da saúde. Convencido de que a vitoria nas urnas lhe dava respaldo para promover uma faxina moral e segurar fortemente os gastos no seu primeiro ano de mandato, o governador sofreu de imediato alguns sérios reveses. O discurso da terra arrasada não convenceu grande parcela da população, que guardou na memória o bordão da campanha, de que dinheiro não era problema. A inoperância inicial do novo governo foi entendida não como sintoma de uma “herança maldita”, mas sim como sinal de incompetência administrativa. Por outro lado, o governo fechou a torneira na hora de definir o percentual de reajuste salarial para os servidores públicos, fixando-o em magros 3%. As categorias com mais força e organização, a dos profissionais de saúde e de educação, não aceitaram a proposta e decretaram greve. O desgaste da administração do PSB aumentou. Com esta história pregressa, a chegada da data base dos servidores, em 2012, prenunciava novos problemas. Em parte, eles se confirmaram. Os professores mais uma vez entraram em greve, a despeito da proposta salarial deste ano ter sido bem mais generosa que a anterior, chegando aos 15,56%. Já com os profissionais da saúde, as negociações caminharam muito bem. Ao final delas, o presidente do

Sindsaúde, Dorinaldo Malafaia, não lembrava em nada o sindicalista furibundo de 2011, que vivia disparando ataques contra o Governo do Estado. Em 2012, ele rasgou elogios à maneira como as negociações com o sindicato foram conduzidas e os resultados conquistados. A questão dos profissionais da saúde, portanto, estava resolvida. Era o que tudo fazia crer. Até que um pequeno foco de descontentamento começou a ser percebido, em função de uma decisão da Secretaria de Estado da Saúde de fiscalizar, com mais rigor, o cumprimento das escalas de plantões dos médicos da rede estadual. Atitude que acabou resultando em alteração na data de pagamento dos referidos plantões, que deixou de ser casada com o pagamento dos salários. O problema, aparentemente simples, foi avolumando-se ao longo do mês de maio, com os médicos ameaçando deixar de cumprir os plantões, caso o problema não fosse solucionado. O tempo passou. As negociações, se aconteceram, não foram suficientes para superar as divergências de posições e a situação desdobrou-se em uma crise gravíssima na saúde pública estadual. A ponto do governador Camilo ter optado por decretar estado de emergência no setor, para tentar suprir a falta de médicos plantonistas nos hospitais. Dessa forma, à medida que a longa greve da educação caminha para um desfecho melancólico, com perdas generalizadas, a crise na saúde se instala soberana, trazendo mais dores de cabeça e inevitáveis desgastes. Com a agravante de que, para além das disputas entre o Governo do Estado e o Sindicato dos Médicos, vidas estão em jogo. Ou seja, o risco de perdas é inestimável. Infelizmente, o melhor remédio mais uma vez deixou de ser usado: a prevenção.

Hora-Hora

Edital – Esta coluna anunciou, com de 30 dias de antecedência, que a eleição da lista sêxtupla para a escolha dos pretendentes a uma vaga do desembargo ao TJAP, pelo Quinto Constitucional, ia ser questionada na Justiça. Justamente por causa da taxa de R$ 6 mil da inscrição, cobrada aos eventuais candidatos. Seleção artificial – Pessoas do meio jurídico calculam que o valor da inscrição, mais do que “salgado”, iria promover uma seleção artificial dos candidatos, eliminando mais 90% dos nomes interessados em participar da disputa. O pleito está suspenso, conforme liminar exarada pela Justiça Federal do Amapá.

Cerveja - Há mais de 20 anos no negócio de bar e lanchonete, no bairro de Santa Rita, um empresário chamou a atenção da sua tradicional clientela com a diversidade de preços da cerveja de 600 ml, mesmo antes do anunciado aumento da bebida pelo Governo. Economia - A Kayser e a Brahma custam R$ 3,50 a garrafa, enquanto a Antarctica e Skol deram um “pulo” para R$ 4,00. O empresário afirma que no último mês vendeu 150 caixas das mais

baratas e apenas 30, das mais caras. Causa: majoração de R$ 15,00 por caixa de 24 garrafas. Rondas - Viaturas novas, tanques devidamente cheios de combustível, armamento e munição em dias... Agora, o que falta para as polícias retomarem as rondas preventivas pela cidade, para coibir o número crescente de assaltos à mão armada e outras formas de violência? Expectativa - A crise econômica continua batendo forte no empresariado amapaense. Por isso, as datas comemorativas são esperadas com expectativa, pois são consideradas como momentos de desafogo no meio do sufoco geral. Romantismo - A próxima comemoração é o Dia dos Namorados. Só que em tempos bicudos, os presentes caros estão dando lugar a lembranças mais simples e personificadas. Bares e restaurantes da cidade se esmeram em criatividade visando os jantares-conjuntos a preços módicos, como o que está sendo oferecido no Hotel IBIS, com variado e interessante cardápio, com direito a sobremesa, ambiente romântico e preço promocional a R$ 26,00 por pessoa.


JD

“ ”

Geral

Entre Aspas

JANDERSON CANTANHEDE Jornalista cantanhede@jdia.com.br

Chamando todos – Do jeito que a coisa vai no Amapá, é melhor o governador Camilo Capiberibe (PSB) chamar além dos médicos militares, as parteiras, benzedeiras e os médicos cubanos. Todo esforço pela saúde é pouco!

Correção - O coronel Giovani, do Corpo de Bombeiros, fez uma pequena correção através do seu twitter, quanto ao “estado de emergência” decretado pelo governo do Estado no setor saúde. Segundo ele, o termo correto é situação de emergência ou estado de calamidade pública. Está registrado. Falta planejamento – Não precisa ser tão inteligente para se chegar à conclusão de que falta mais planejamento na Secretaria de Saúde. Solucionar o pagamento dos plantões médicos é um assunto que já deveria ter sido resolvido desde o ano passado, quando esse mesmo problema aconteceu. Solidariedade – Em épocas pré-eleitorais, a Prefeitura de Macapá ficou solidária até com os “inimigos” políticos. Resolveu colocar à disposição os médicos municipais para ajudar a cobrir a demissão em massa nos hospitais estaduais. E olha que o governador Camilo não tem dado um tostão para ajudar Roberto Góes. Despreparo - Querem ver um outro problema que já deveria ter sido resolvido desde o ano passado? A

compra de equipamentos que agora o governo, em situação de emergência, resolve comprar. Eu pergunto: foi necessário chegar no fundo do poço para se comprar equipamentos para a saúde? Mensalão - Os ministros do STF (Supremo Tribunal Federal) definiram um cronograma de trabalho para o julgamento do caso do mensalão. Os magistrados definiram que o primeiro dia do julgamento será em 1º de agosto após o recesso do meio de ano. Julgamento - O julgamento deve ser dividido em duas partes: a primeira, do dia 1º até o dia 14 de agosto, com sessões diárias de segunda a sexta-feira, e duração de cinco horas por dia, iniciando com a fala do procurador-geral da República, que durará cerca de cinco horas. Treino - Neste final de semana (08, 09 e 10) acontece o treino aberto do Jungle Fight, que é o maior evento de MMA da América Latina e o segundo mais importante do país.

Participantes - Até agora nove lutas estão confirmadas, com a participação de 18 atletas, sendo nove de

Macapá, e o restante do Rio de Janeiro, Brasília, Belém, Bahia, Manaus e Espírito Santo, além de lutadores do Peru e Uruguai. Evento - Esta é a primeira edição do Jungle Fight no Estado. A disputa vai acontecer no Ginásio Avertino Ramos, dia 15, a partir das 20 horas. O evento vai contar com a presença do Paraense Iuri Marajó e do Capixaba Erick Silva, ambos lutadores do UFC.

Editor: Fabrício Costa - fabriciocosta@jdia.com.br

Governo anuncia este mês concurso para médicos

Serão disponibilizadas 200 vagas para o quadro efetivo

Sem informação - No total, segundo a Controladoria-Geral da União (CGU), foram registradas, até ontem, 7.794 solicitações, das quais 4.377, o equivalente a 56%, foram respondidas. Houve 138 recursos em primeira instância. Genérico - Algumas respostas mostram um problema identificado pela própria CGU: a dificuldade dos servidores em diferenciar pedidos genéricos, cuja falta de resposta é amparada pela lei, de solicitações complexas. Bom feriado a todos...

“O jornalismo é, antes de tudo e sobretudo, a prática diária da inteligência e o exercício cotidiano do caráter” (Claudio Abramo) Siga: @cantanhede_AP Acesse: jandersoncantanhede.wordpress.com Email: cantanhede@jdia.com.br

Cleuma Duarte disse que nas Secretarias reuniu gabarito suficiente para fazer um bom trabalho na PMM

Eleições 2010 Em 2010 o partido elegeu 44 deputados federais e 4 senadores. No jogo das alianças partidárias, o PP declarou formalmente seu apoio à candidatura da ex-Ministra Dilma Rousseff à presidência. Em São Paulo, o partido que tem por principal líder Paulo Maluf, que se manteve neutro, liberando seus filiados a votarem no candidato que assim lhe aprouverem no pleito de 2010. As alianças entre a direita e antigos partidos de esquerda se repetem em vários lugares, como na Bahia, onde o PP fez parte da coligação do candidato petista, tendo inclusive indicado o seu vice. No Rio Grande do Sul, o PP junto ao PPS, aliou-se a candidata tucana Yeda Crusius para sua reeleição, tendo em contrapartida, lançado a jornalista política Ana Amélia Lemos que com mais de 3.4 milhões de votos se elegeu senadora, vencendo o ex-governador gaúcho Rigotto. No Estado do Amapá o partido elegeu dois deputados estaduais: Edinho

A3

Respostas - Terminou terça-feira o prazo inicial de 20 dias para os órgãos públicos responderem aos pedidos feitos por meio da Lei de Acesso à Informação em 16 de maio, quando a legislação entrou em vigor.

Cleuma Duarte confirma pré-candidatura à Prefeitura

Mais uma candidata se lança ao pleito que decidirá o Executivo Municipal em 2012. Dessa vez foi o Partido Progressista (PP), que confirmou a ex-secretária municipal de Assistência Social, Cleuma Duarte, na disputa eleitoral. Esta será a segunda vez que Cleuma disputa o cargo executivo. “Por conta do lançamento da pré-candidatura estou entregando meu cargo como Secretária da Semast, pois iniciaremos o período das convenções, onde discutiremos plataformas e as negociações para possíveis coligações”, explicou Cleuma. Segundo a pré-candidata, o fato de ter trabalhado na Secretaria de Desenvolvimento Econômico e de Assistência Social muito irá contribuir para sua plataforma de trabalho. “Esse período que passei nessas duas secretarias galguei novos horizontes e novas perspectivas fato que irá contribuir muito com a candidatura e com planos de campanha”, concluiu Cleuma Duarte.

Macapá-AP, quinta e sexta-feira, 07 e 08 de junho de 2012

Duarte e Sandra Ohana. Convenção O senador Francisco Dornelles foi reeleito presidente do Partido Progressista (PP) no dia 12 de abril, durante convenção nacional do partido realizada em Brasília. Ele ocupa o cargo desde 2008 e foi reeleito para os próximos dois anos. A atual Executiva Nacional do partido também foi mantida. Foram escolhidos ainda os integrantes dos conselhos Fiscal, Consultivo e de Ética. O PP faz parte da base aliada no Congresso, com cinco senadores e 44 deputados federais. Na divisão dos cargos na Esplanada dos Ministérios, coube ao partido o Ministério das Cidades, comandado pelo deputado Mário Negromonte (BA). Durante a convenção ficou definido que o PP disputará as eleições, para prefeito, como cabeça de chapa, em todos os municípios com mais de 200 mil habitantes, e comporá, conforme prevê o Estatuto do Partido, nos demais municípios, onde também poderá disputar o pleito.

Com o decreto, o governo pode contratar novos médicos para substituir os que estão sem dar plantões

O

anúncio do Estado de Emergência na saúde na noite de terça-feira, 5, começou a atrair o interesse de profissionais de outros Estados. Com o decreto, o governo pôde tomar medidas como contratar novos médicos para substituir os que estão pedindo demissão, além de adquirir equipamentos e melhorar a infraestrutura dos hospitais. “Não vamos retroceder no processo de reorganização da saúde pública”, disse o governador. O decreto foi assinado como medida emergencial para reduzir o impacto negativo causado pela ameaça de um grupo de médicos. O governo diz que a rebeldia na classe deu-se por conta das novas normas de fiscalização de cumprimento de carga horária e plantões que vai constatar se de fato as escalas estão sendo cumpridas. Além disso, o governo desvinculou o pagamento de plantões dos vencimentos, o que acaba com remuneração antecipada de quem não cumpre plantões e sobreaviso. Para os médicos, o ponto chave da greve nos plantões é o pagamento em conjunto tanto dos plantões quanto dos salários. A categoria acostumou-se a receber salário e plantão unificado, o que impedia de confirmar se o médico cumpria o plantão ou não. A partir de agora, o pagamento do salário será computado no último dia do mês e os plantões, desde que comprovados o cumpri-

mento, vão ser pagos a cada dia 10. Insatisfeitos, os médicos resolveram pressionar o governo pedindo demissão voluntária em massa. O primeiro anúncio afirmava que 50 contratados deixariam o Estado, logo após o número reduziu para 24, porém, até a manhã desta quarta-feira, 6, somente 20 haviam entregado a carta, segundo dados da Secretaria de Saúde. O Estado tem no quadro 534 médicos. Destes, 267 são efetivos, 177 do contrato e 90 são federais a disposição. Cada um recebe o salário base de R$ 3.301,01 para trabalhar 20 horas e R$ 6.602, 02 para o dobro de horas trabalhadas. Além desse valor, eles recebem mais R$ 2 mil de gratificação. Plantão Cada médico pode fazer a opção por dar plantão, ou não. Do total de médicos da rede estadual, 355 optaram por dar plantão. O mesmo acontece com o sobreaviso, não é obrigatório aceitar ficar em casa e ir ao hospital somente se for chamado. O Estado paga para o plantão de 6 horas, R$ 1 mil, e os médicos de sobreaviso recebem R$ 500,00. Os valores chamaram atenção de profissionais sem vínculo com o GEA. Um exemplo tirado como base é o estado de São Paulo, que paga pelo plantão de 6 horas, R$ 660,00. Enquanto novos médicos estão em fase de contratação emergen-

cial, o Governo do Amapá conta com a parceria do Ministério da Defesa, que disponibilizou profissionais das Forças Armadas, e da Polícia Militar e Corpo de Bombeiros. “Não podemos admitir que com todos estes médicos, ganhando no mínimo R$ 20 mil por mês, pacientes fiquem sem atendimento por falta de profissionais. Temos outros problemas, como falta de leitos, equipamentos, mas a sociedade e o governo não aceitam que uma pessoa volte para casa por falta de médico”, afirmou o governador. Emergência Está garantido ainda no decreto de Estado de Emergência, a aquisição de equipamentos para as salas cirúrgicas e Unidades de Tratamento Intensivo (UTI) com recurso do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES). O total de R$ 6 milhões está disponível para a saúde. Deste valor, R$ 1.780.000 será investido em equipamentos como aspirador cirúrgico, bisturi eletrônico, esterilizador, incubadora, mesa cirúrgica, aparelhos de raio x, ressonância magnética, tomografia computadorizada, entre outros. O restante será para melhoria da infraestrutura dos hospitais, adaptações e reforma. O concurso público da área de saúde, que acontece este mês, abre vagas para 200 novos médicos para o quadro efetivo do Estado.

Adquirir equipamentos e melhorar a infraestrutura dos hospitais foram prometidos pelo governo


JD

Geral

Jornalista condenado por danos morais arrecada doações na capital do Pará Lúcio Flávio Pinto decide pagar indenização antecipadamente por danos morais

O

jornalista paraense Lúcio Flávio Pinto, editor do “Jornal Pessoal”, decidiu pagar antecipadamente uma indenização por danos morais à qual foi condenado na Justiça do Pará em razão da publicação de uma reportagem. Ele já havia desistido, em fevereiro, de apresentar novos recursos contra a condenação, que data de 2005. Pela sentença, ele terá que pagar R$ 8.000 (mais correção da inflação) ao empresário Cecílio do Rego Almeida, por tê-lo chamado de “pirata fundiário” em reportagem que o acusava de grilagem (posse ilegal) de um terreno na Amazônia. Cecílio do Rego Almeida foi fundador do grupo CR Almeida e morreu em 2008. Entrou com o processo contra o jornalista paraense

em 2000. Como Flávio Pinto desistiu dos recursos, o processo está prestes a transitar em julgado (situação em que não cabem mais recursos). Só após o trânsito em julgado é que a Justiça pode ordenar o pagamento da indenização. O jornalista, porém, afirmou que não vai esperar. Disse que deve entrar até a próxima semana com pedido na Justiça para que possa pagar a indenização. O pagamento deverá ser feito com doações de amigos e leitores, por meio da qual o jornalista conseguiu R$ 27 mil. Com as correções monetárias, ele estima que esse seja o valor da indenização devida. “Vou fazer a denúncia da parcialidade do tribunal que me condenou”, disse. Procurado, o Tribunal de Justiça do Pará diz que não

D

será preenchida com base nas cotas sociais, e não raciais. Já na Bahia, onde 73% da população é negra, as vagas vão priorizar estudantes negros. O projeto também estabelece que, do total de 50% de vagas destinadas às cotas, metade delas tem que ser reservada a alunos oriundos de famílias que recebem até 1,5 salário mínimo por integrante --para priorizar os estudantes de baixa renda do país. Relatora do projeto na comissão, a senadora Ana Rita (PT-ES) defendeu o sistema misto de costas por considerá-lo mais justo ao país. A senadora Marta Suplicy (PT-SP), que defendeu o relatório da petista, disse que o Brasil precisa pagar a dívida que mantém com os estudantes negros. “Quantas pessoas negras vieram do nada e hoje têm patrimônio e hoje são senadores da República? Aqui temos um senador da República que se diz negro. O preconceito existe. Nós temos uma dívida que, desde

P

suas unidades. A Comissão de Assuntos Sociais (CAS) do Senado aprovou ontemprojeto com essa medida, que depende de nova votação – turno suplementar – na próxima semana para ser remetido à análise da Câmara.

Lúcio Flávio Pinto edita e produz há 25 anos o “Jornal Pessoal”

comenta decisões judiciais. Segundo a OAB do Pará, a atitude do jornalista de antecipar o pagamento é incomum, mas é juridicamente possível. Lúcio Flávio Pinto edita e produz há 25 anos o “Jornal

Pessoal”, uma publicação quinzenal sobre assuntos relacionados à Amazônia. Procurados por meio da CR Almeida, os advogados da família de Cecílio do Rego Almeida não responderam.

a escravidão, não foi paga”, afirmou Marta. Debate Marta alfinetou o senador Lobão Filho (PMDB-MA), que apresentou voto em separado para defender cotas apenas para estudantes do ensino público. O peemedebista disse que estudou parte de sua vida em escolas públicas, o que provocou a reação de Marta. “Vossa Excelência é filho de governador. Provavelmente Vossa Excelência fala uma língua. É muito difícil aprender língua estrangeira em escola pública. Seus pais devem ter pagado um curso particular ou Vossa Excelência foi para o exterior estudar. Não dá para comparar”, alfinetou Marta. O senador Aloysio Nunes Ferreira (PSDB-SP) também apresentou voto em separado para estabelecer apenas as cotas sociais para ingresso nas universidades, sem critérios raciais. Mas foi derrotado pela maioria dos in-

tegrantes da comissão. “A moça branca, pobre, de valor, pode ser preterida sobre o seu vizinho que tem origem negra. A cota social é o que mais coaduna com o princípio da igualdade”, disse o tucano. Com a aprovação na CCJ, o projeto segue para análise de duas comissões do Senado e ainda precisa passar pelo plenário da Casa. Ele foi aprovado pela Câmara em 2008 e, desde então, espera pela análise dos senadores. Se sofrer mudanças durante sua tramitação no Senado, ainda terá que retornar à Câmara para nova votação. Em abril deste ano, o Supremo Tribunal Federal (STF) já decidiu que o sistema de cotas raciais em universidades é constitucional. O julgamento tratou de uma ação proposta pelo DEM contra o sistema de cotas da Universidade de Brasília (UnB), que reserva 20% das vagas para autodeclarados negros e pardos.

A autora do projeto, Vanessa Grazziotin (PCdoB-AM), informou que o objetivo de se ter um farmacêutico nos quadros dessas unidades de saúde é garantir que os medicamentos usados no tratamento de pacientes ou entre-

gues à população sejam utilizados de forma racional. Para ela, a ausência desse profissional transfere para servidores sem a devida qualificação a incumbência de manusear e descartar medicamentos. (Agência Brasil)

Inovação tecnológica chega às comunidades rurais

A

pós negociação com parlamentares, a Secretaria de Estado da Ciência e Tecnologia (Setec) lança o projeto que visa o abastecimento de água potável para abastecer a comunidade do interior do estado, lançando dois projetos de inovação tecnológica no Sistema de Gestão de Convênios do Governo Federal (Sinconv). O Projeto de Implantação de Sistema de Tratamento de água no Arquipélago do Bailique e a ampliação do sistema de abastecimento

de água da Vila do Sucuriju contempla a emenda parlamentar da deputada Janete Capiberibe (PSB), com investimento de R$ 778 mil, e visa o abastecimento de água potável na comunidade por meio da implantação de sistema de captação e tratamento por membranas. O projeto busca ainda fazer uso dos reservatórios no período chuvoso e melhorar a qualidade de vida dos moradores, minimizando a ocorrência de doenças de veiculação hídrica e Sistema de captação e trata-

Editor: Fabrício Costa - fabriciocosta@jdia.com.br

Coluna

ESPLANADA

POR LEANDRO MAZZINI Jornalista

Twitter @leandromazzini

Aumenta tráfico de jogadores e modelos

O Ministério das Relações Exteriores têm relatório com dados assustadores sobre o tráfico internacional de pessoas. Em tempos modernos, os criminosos miram artistas, modelos e jogadores de futebol. São ‘olheiros’ que vêm ao Brasil e prometem grandes contratos, mas assaltam e exploram as vítimas no destino. Os casos recorrentes são no Oriente Médio e Ásia. O crime cresceu nos últimos oito meses: 10 modelos e 20 jogadores de futebol amadores caíram no golpe e perderam todo o dinheiro.

Preço da volta

Unidades do SUS que distribuem medicamentos podem ser obrigadas a ter farmacêuticos ostos, centros de saúde e hospitais públicos vinculados ao Sistema Único de Saúde (SUS) poderão ser obrigados a contratar farmacêutico caso façam a distribuição gratuita de medicamentos ou tenham despensas em

A4

Em todos os casos, as embaixadas brasileiras são acionadas pelos jovens, que as procuram até sem documentos. São as famílias quem pagam a volta.

Comissão do Senado aprova cotas nas universidades federais epois de quatro anos parado à espera de votação no Senado, a Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Casa aprovou nesta quarta-feira (6) projeto que estabelece o sistema de cotas raciais e sociais nas instituições federais de educação superior. O projeto determina que 50% das vagas nessas instituições sejam destinadas aos alunos que estudaram em escolas públicas no ensino médio. Essas vagas também têm que ser divididas proporcionalmente à quantidade de negros, pardos e índios fixada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) em cada Estado. Isso significa que, em Estados onde a maioria da população é negra, grande parte das vagas para alunos oriundos de escolas públicas será destinada a estudantes que também têm origem negra. Em localidades como Santa Catarina, onde apenas 9% da população é negra, a maioria das vagas

Macapá-AP, quinta e sexta-feira, 07 e 08 de junho de

mento por membranasas associadas à ingestão de sal em excesso como é no caso da vila do Sucuriju. O segundo projeto, no valor de R$ 270 mil, é referente à propagação “in vitro” de fruteiras tropicais em apoio aos Arranjos Produtivos Locais, que contempla a emenda do deputado federal Bala Rocha (PDT). Busca atender a demanda agrícola do Estado através da multiplicação “in vitro” e avaliação de material vegetal de alto valor genético, livres de pragas e

doenças, promovendo o desenvolvimento econômico e o aumento da produção agrícola. Esse projeto também garantirá a estruturação do Laboratório de Biotecnologia para fomentar a produção de mudas de culturas agrícolas, dando suporte aos trabalhos de pesquisa básica e aplicada. O período para liberação dos recursos correspondentes aos dois projetos é para o mês de julho deste ano, e a execução se estenderá até julho de 2013.

Manual da malícia

O Itamaraty lançou a cartilha ‘Orientações para trabalho no exterior’. Dá dicas também para cozinheiros e dançarinos, que engrossam a lista de vítimas.

Fala, Agnelo

O governador do DF, Agnelo Queiroz (PT), passa o feriadão fazendo mídia training para não cair em desgraça no depoimento à CPI do Cachoeira semana que vem.

Classificados

Se o leitor sonha com a casa de praia, prefira investir num chalé na montanha. Seminário realizado na Câmara dos Deputados previu que a elevação do nível médio do mar no mundo pode variar de 20 cm a 50 cm em dez anos. Isso significa que as tragédias ambientais poderão ser anuais, e não no intervalo de décadas.

Boi na urna O presidente do PSB, governador Eduardo Campos (PE), confirma a candidatura de José Batista Junior, um dos donos do grupo JBS/Friboi, para o governo de Goiás. Batista Junior está afastado das empresas. Fala, Perillo Ao contrário do PT, preocupado com Agnelo na CPI, o PSDB está tranquilo, por ora, com a ida do governador Marconi Perillo, de Goiás. Mas o líder no Senado, Álvaro Dias (PR), diz que ele deve ser ‘duramente questionado’. Tão perto Ex-senador e ex-ministro das Comunicações, Hélio Costa (PMDB) passou na surdina pelo Congresso na terça. Diz que não é candidato em BH e que virou consultor. Casa na praia Empresários endinheirados de São Paulo e do Centro-Oeste trocam o litoral norte paulista pelas praias de Florianópolis. A migração inflacionou terrenos em 150%. Susto Veja o perigo de operação sob chuva na pista curta do Aeroporto Santos Dumont, no Rio. Há poucos dias, um monomotor Pilatus quicou na pista, por erro de aproximação, e quebrou a hélice. Quase caiu na água, lotado.

Hyundai Nordeste O empresário Carlos Alberto de Oliveira Andrade, do Grupo Caoa, confirmou instalação de fábrica da Hyundai na Paraíba. Investimento de US$ 600 milhões para gerar 20 mil empregos. Pré-estreia Aprovada por unanimidade dos 20 senadores, a futura integrante do STJ, a desembargadora Assusete Magalhães, de Minas, criticou decisão da 5ª Turma da Corte que absolveu réu acusado de estuprar menina de 12 anos. Greve geral Representantes de 31 entidades sindicais do serviço público federal decidiram iniciar greve dia 11 de junho. Cobram reajuste de 22,08%. Ainda não confirmaram os serviços que vão parar. Farra eleitoral A Comissão de Ciência e Tecnologia da Câmara aprovou em regime de urgência ontem 43 projetos de concessão para rádio e TV. Todos ligados a políticos. Ponte aérea A PF monitora Fernando Cavendish, dono da Delta. Apesar de a empresa citada no inquérito da Monte Carlo, seu dono não foi preso, e estaria fazendo a ponte Rio-Miami. Ponto Final Quem você gostaria de ver na mira da CPI? Mande sua sugestão para o email da coluna.

www.colunaesplanada.com.br contato@colunaesplanada.com.br


Política

JD

Macapá-AP, quinta e sexta-feira, 07 e 08 de junho de 2012

Editor: Pablo Oliveira - pc.oliveira@jdia.com.br

Perillo manda recado e diz que quer conversa particular com a CPI Na conversa com integrantes da CPI, o governador estaria disposto a conversar em Brasília e de forma individual com alguns parlamentares tidos como “independentes” DIVULGAÇÃO

Tucano recrutou mensageiro para solicitar a integrantes da comissão uma conversa privada

M

enos de 24 horas após o empresário Walter Paulo Santiago contradizer o governador de Goiás, Marconi Perillo (PSDB), sobre a compra de imóvel em Goiânia, o tucano recrutou um mensageiro para solicitar a integrantes da CPI do Cachoeira uma conversa privada. Na conversa com integrantes da CPI, Miranda disse que o governador estaria disposto a conversar em Brasília com alguns

parlamentares tidos como “independentes”, individualmente, no próximo domingo (10) ou na segunda-feira (11), véspera do depoimento dele na CPI. No dia (13) será a vez do governador do Distrito Federal, Agnelo Queiroz (PT), falar à comissão. Menos de 24 horas após o empresário Walter Paulo Santiago contradizer o governador de Goiás, Marconi Perillo (PSDB), sobre a compra de imóvel em Goi-

ânia, o tucano recrutou um mensageiro para solicitar a integrantes da CPI do Cachoeira uma conversa privada. “Teria a disponibilidade de recebê-lo, mas defendo que não seja uma conversa isolada e sim com todo o grupo que converge com opiniões similares”, disse à reportagem o senador Randolfe Rodrigues (PSOL-AP) um dos escolhidos para a conversa. O grupo defendido por

Randolfe é composto por, além dele, o senador Pedro Taques (PDT-MT) e os deputados Miro Teixeira (PDT-RJ) e Rubens Bueno (PPS-PR). Versões Após o surgimento de uma nova versão para a compra do imóvel, alguns integrantes da CPI passaram a defender o adiamento da vinda do governador. “Para que a pressa. Vamos aguardar a vinda dos documentos da quebra dos sigilos da Delta para termos mais elementos”, afirmou o deputado Silvio Costa (PTB-PE). Segundo ele, o presidente interino da CPI, deputado Paulo Teixeira (PT-SP), concordou com a tese. “Conversei com ele [Paulo Teixeira], vamos levar isso ao Vital”, disse Costa ao se referir ao presidente do colegiado, senador Vital do Rêgo (PMDB-PB), que está de licença médica até aproxima semana. Em depoimento prestado ontem na CPI, o empresário Walter Paulo Santiago deu uma nova versão para

A5

a compra do imóvel do governador ao afirmar que pagou pela casa em dinheiro, “em notas exclusivas de R$ 50 e R$ 100”. Perillo já afirmou que recebeu três cheques pela casa (dois de R$ 500 mil e um de R$ 400 mil), que somam R$ 1,4 milhão. Os cheques foram emitidos pela empresa Excitant Confecções Ltda, de uma cunhada de Cachoeira, nos meses de março, abril e maio de 2011. A empresa, por sua vez, recebeu dinheiro de uma firma fantasma criada pelo esquema Cachoeira para receber dinheiro da empreiteira Delta. A versão de Walter Paulo também contradiz o ex-vereador tucano Wladimir Garcez, que disse em depoimento à CPI que ele mesmo era o comprador da casa e que, para isso, contou com empréstimos de Cláudio Abreu, ex-diretor da Delta, e de Cachoeira. Somente depois que supostamente percebeu que não teria como cobrir os cheques emitidos, procurou outro comprador no caso, Walter Paulo.

Supremo marca julgamento do mensalão para o dia 1º de agosto

O

STF (Supremo Tribunal Federal) marcou para o dia 1º de agosto o início do julgamento do mensalão. A data foi definida em reunião administrativa entre os ministros. A proposta de começar o julgamento no dia 1º de agosto foi feita pelo decano do STF, ministro Celso de Mello. Ele ressalvou que a confirmação dessa data depende da liberação do processo pelo ministro revisor da ação, Ricardo Lewandowski. Lewandowski não estava presente na reunião que definiu o início do julgamento. Ele teve de se ausentar por motivo de viagem. Segundo a proposta de Celso de Mello, o STF vai fazer sessões diárias de julgamento a partir do dia 1º de agosto exclusivamente para o mensalão. Entre o dia 1º até o dia 14, as sessões serão dedicadas à leitura do relatório e às sustentações dos advogados de defesa e da acusação, que será representada pelo Ministério Público. A partir do dia 15, o tribunal deve começar a proferir os votos.

Congresso tem 30 dias para analisar Caiado pede ao STF suspensão dos vetos de Dilma à Lei Geral da Copa efeitos da MP do Código Florestal

A

Presidência da República tem, a contar de ontem (6), o prazo constitucional de 48 horas para encaminhar ao presidente do Congresso e do Senado, José Sarney (PMDB-AP), os dispositivos vetados no projeto da Lei Geral da Copa. De posse dos vetos, Sarney tem o limite constitucional de 72 horas para convocar uma sessão do Congresso e fazer a leitura dos dispositivos vetados. No total, o Congresso tem um prazo de 30 dias para votar os vetos presidenciais, de todo projeto ou de partes, a partir da leitura de recebimento da matéria. Entretanto, esses prazos constitucionais raramente foram cumpridos.

Em 1988, os deputados e senadores constituintes estabeleceram as regras para o encaminhamento, análise e votação desses vetos. Na mesma sessão do Congresso, serão lidas as razões desses vetos feitos pela presidenta Dilma Rousseff. A Constituição Federal determina que, na ocasião, o presidente do Senado tem que designar uma comissão mista, formada por três deputados e o mesmo número de senadores, para analisar os vetos. Essa comissão terá até 20 dias para encaminhar ao presidente do Senado um parecer com as recomendações de aprovação ou rejeição dos vetos. A partir daí, caberá a Sarney marcar a sessão conjunta – Câmara

e Senado – que analisará os vetos. Pela Constituição, caso os vetos pendentes de análise não sejam apreciados nesse prazo, a pauta da sessão conjunta será obstruída. Assim, nada poderá ser votado nessas sessões antes dos vetos que tiveram o prazo constitucional vencido. Mesmo com o esforço de Sarney de votar em bloco uma série desses dispositivos nos últimos anos, atualmente estão na pauta do Congresso Nacional a análise de vetos em 166 projetos, dos quais 41 em sua totalidade e 121 de forma pontual. Todos esses vetos somam 2.424 à espera de análise pelos congressistas. Além disso, na próxima sessão do Congresso Nacional, ainda sem data definida, devem entrar mais 17 projetos que estão à espera da comunicação oficial do presidente Sarney.

O

vice-líder do DEM na Câmara deputado Ronaldo Caiado (GO), representando a Frente Parlamentar da Agropecuária (FPA), protocolou ontem (6) no Supremo Tribunal Federal (STF) mandado de segurança em que pede a suspensão imediata dos efeitos da Medida Provisória (MP) 571, que altera o Código Florestal. O documento, com 19 páginas, sustenta que a MP é inconstitucional porque dispõe sobre tema já aprovado pelo Congresso Nacional. “O governo não pode editar medida provisória sobre tema que já foi deliberado e aprovado por ampla maioria nesta Casa antes de analisarmos os vetos definidos pela presidente Dilma [Rousseff]. Isso é uma afronta e um desrespeito ao Congresso

Nacional”, ponderou Caiado por meio de nota. Para o deputado, a medida provisória fere os artigos 62 e 67 da Constituição. O primeiro disciplina as regras para edição de medidas provisórias. O Inciso 4 do Parágrafo 1º diz que é vedada a edição de MP sobre tema já disciplinado em projeto de lei aprovado pelo Congresso Nacional e pendente de sanção ou veto do presidente da República. No último (5), o presidente da comissão especial mista criada para analisar a admissibilidade da MP 571, deputado Bohn Gass (PT-RS), argumentou que esse dispositivo foi respeito pela presidenta na edição da MP. Isso porque a Lei do Código Florestal já foi sancionada, o que contraria o entendimento dos ruralistas. Já o Artigo 67 determina que a matéria constante de projeto de lei rejeitado pelo Congresso somente

poderá constituir objeto de novo projeto, na mesma sessão legislativa, mediante proposta da maioria absoluta dos membros de qualquer das Casas legislativas. Segundo o mandado de segurança, a MP “viola o processo legislativo constitucional, pois não só restaurou, via medida provisória, texto da lei do Senado descartado pela Câmara, como alterou aquilo que não vetou”. DIVULGAÇÃO


Economia

JD

Macapá-AP, quarta-feira, 06 de junho de 2012

A6

Editor: Pablo Oliveira - pc.oliveira@jdia.com.br

Cresce a satisfação com a atividade profissional

Está sem tempo por conta do trabalho? Veja como otimizá-lo

Profissionais brasileiros estão satisfeitos com a quantidade de tempo disponível para ficarem em casa ou para cuidar de assuntos pessoais

C

DIVULGAÇÃO

ada vez mais o tempo vale dinheiro e as empresas vem tratando como grande diferencial de um colaborador a capacidade de organizar bem o tempo de serviço, produzindo adequadamente dentro dos horários de trabalho, evitando horas extras e dando os retornos necessários. “O ritmo alucinante das mudanças, a avalanche de dados e informações, a pressão do mercado para se produzir mais, com menor custo e tempo possíveis, reforçam a necessidade de gestão compartilhada e produtiva do tempo para garantir lucratividade, empregos bons e estáveis com qualidade devida”, explica o diretor executivo da Innovia Training & Consulting Ricardo Barbosa. Porém, as dificuldades para um profissional se adequar a esta demanda de mercado é muito grande. O diretor da Innovia detalha pontos que potencializam estas dificuldades: · Ausência de foco - O colaborador acumula várias obrigações e deseja resolver tudo ao mesmo tempo, o resultado é que nenhuma das obrigações é feita; · Falta de concentração na

tarefa em execução - o colaborador leva para empresa problemas pessoais, além de conversas paralelas que faz com que o resultado fique prejudicado; · Ausência de planejamento - Não sabendo se planejar ocorre confus��o e não se estabelece prioridades; · Acomodação que gera desmotivação - Muitos colaboradores não buscam fazer um trabalho diferenciado, criando um ciclo vicioso na relação acomodação e desmotivação; · procrastinação - deixar tudo que se pode fazer hoje para o amanhã; · Refém de ferramentas tecnológicas - as pessoas ficam apegadas ao celular e ao uso de e-mail de forma errada (checar caixa de correspondência toda hora). Por outro lado, Barbosa reforça que isso não significa que o colaborador não tem direito de descansar e que o chefe deve ser carrasco. “O descanso é fundamental para que se possa ser produtivo. Nenhum profissional é 100% do seu tempo, temos que cada vez mais exercer o famoso ócio criativo”, diz. “Assim é necessário criar e

manter relações balanceadas. Uma forma eficaz é utilizar o quadrante do tempo, no qual você irá separar suas atividades em: Crises (importante e urgente), Urgências (urgente mas não importante), Planejamento (importante mas não urgente) e Rotina (nem importante e nem urgente)”. A pessoa estabelecendo bem esta relação com o tempo terá muito mais tempo para sua vida pessoal, caindo com o mito de que o colaborador dedicado é o que só pensa no trabalho. “Só pensar no trabalho não é bom, pois afeta diretamente a nossa saúde, família e qualidade de vida. Quando planejamos nossas atividades, conseguiremos ser produtivos”, alerta o diretor da Innovia. Veja as principais dicas para que um colaborador otimize seu tempo: · Estabelecer prioridades · Disciplinar reuniões; · Disciplinar horários para conversas; · Estabelecer código de conduta telefônica e para eletrônicos; · Classificar ativas que são importantes e urgentes; · Evitar acumular funções que não sejam suas.

Venda de veículos aumenta de abril para maio, mas cai na comparação com 2011

A

Para a pesquisa foram entrevistados mais de 16 mil profissionais em 90 países

Trabalhe em algo que você goste e nunca mais precisará trabalhar na vida”. Com certeza em algum momento da vida profissional, você irá escutar essa frase. No Brasil cresceu o número de profissionais que aprenderam a gostar do que fazem. Uma pesquisa recente da Regus encomendada à MindMetre revelou que os profissionais brasileiros estão mais satisfeitos, mesmo trabalhando mais horas durante a semana, pois encontraram um ponto de equilíbrio. Com isso, os relacionamentos e a família saíram ganhando. Para essa pesquisa foram entrevistados mais de 16 mil profissionais em 90 países. Os profissionais brasileiros estão satisfeitos com a quantidade de tempo disponível para ficarem em casa ou para cuidar de assuntos pessoais (51 %)

e mais da metade declaram que gostam do seu trabalho (81%). As empresas perceberam na prática que o funcionário feliz é mais produtivo e o risco de trocar de emprego é menor. Para 83% dos entrevistados no Brasil, em comparação a 2010, o momento atual é de mais conquistas profissionais. A relação profissionais e empresas avançou nos últimos anos, uma exigência do próprio mercado que busca reter seus talentos e procura driblar as dificuldades do trânsito e das condições do transporte público nas grandes cidades brasileiras, oferecendo condições flexíveis de trabalho. De acordo com a pesquisa da Regus, 59 % dos entrevistados no País, disseram que as companhias em que trabalham estão se esforçando para diminuir o tempo gasto o percurso de

casa ao trabalho. Para o diretor geral da Regus no Brasil, Guilherme Ribeiro, “as práticas de trabalho vêm mudando no país. Medidas simples, como permitir que o funcionário gerencie seu próprio horário, reduza o tempo de deslocamento ou possibilite ao empregado que trabalhe de outros locais, ajudam no desempenho dos profissionais, reduzindo o nível de estresse e aumentando a produtividade”, destaca. Com menos estresse diário, esse clima de paz tem tudo para se expandir. De acordo com a pesquisa, o Brasil é o segundo país, com o melhor Índice de Equilíbrio entre Vida Profissional e Pessoal (151 pontos), atrás apenas do México (153). E a média global entre os países que participaram da amostragem é de 124 pontos. Site: www.regus.com.br

venda de veículos novos aumentou 11,5% em maio, na comparação com o mês anterior. No mês passado, foram comercializadas 287.465 unidades, contra 257.887 em abril, de acordo com dados divulgados ontem (6) pela Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores (Anfavea), na capital paulista. Entretanto, em relação a maio do ano passado, quando foram vendidas 318.534 unidades, houve queda de 9,8%. No acumulado de janeiro a maio, o total de veículos vendidos chegou a 1.363.716,

4,8% a menos do que no mesmo período de 2011. A produção aumentou 7,6% em maio (280.768 unidades) ante abril (260.825), mas caiu 7,7% na comparação com igual período do ano passado (304.214). No acumulado do ano, foram fabricados 1.279.699 veículos, 9,5% a menos do que nos cinco primeiros meses de 2011 (1.414.795). As exportações caíram 45,2% em maio, com a comercialização de 26,7 mil unidades para o mercado externo contra 48.692 em abril. Também foi registrada queda (de 40,2%) em relação a maio

do ano passado, quando foram exportadas 44.658 unidades. No acumulado do ano, a quantidade vendida para o exterior foi 12,3% menor do que no mesmo período de 2011 (187.153 contra 213.385). Em valores, em maio as exportações alcançaram US$ 1.336.846, 4,4% a menos do que em abril e 4,8% a menos do que em maio do ano passado. No acumulado de janeiro a maio, os valores exportados atingiram US$ 6.598.192, registrando elevação ante o mesmo período de 2011 (US$ 6.005.754).

IPI menor e Dia das Mães impulsionaram comércio em maio, mostra Serasa

DIVULGAÇÃO

Dia das Mães também contribuiu para promover um bom desempenho da atividade varejista no mês passado

D

e acordo com o Indicador Serasa Experian de Atividade do Comércio, o movimento dos consumidores nas lojas em todo o país avançou 4,1% em maio/12, já descontadas as influências sazonais. Foi a maior variação mensal desde agosto de 2007. Na comparação com o mesmo mês do ano passado, houve crescimento de 9,8% do movimento do varejo em maio deste ano. No acumulado do ano 2012, a atividade varejista cresceu 7,1% em relação ao mesmo período do ano passado (janeiro a maio e

2011). De acordo com os economistas da Serasa Experian, a redução do IPI no segmento de veículos e a volta dos “feirões” impulsionaram o movimento dos consumidores no segmento de veículos, motos e peças, fazendo-o crescer 4,9% no mês passado, a maior alta mensal desde agosto/11. Além disto, o Dia das Mães também contribuiu para promover um bom desempenho da atividade varejista no mês passado, especialmente no segmento de móveis, eletroeletrônicos e informática, cujo cresci-

mento foi de 3,2% em maio/11. Além destes segmentos, o mês de maio também foi de crescimento no movimento dos demais setores do varejo nacional, destacando-se também o de material de construção, que se expandiu em 3,1% frente a abril/11. Já os segmentos supermercados, hipermercados, alimentos e bebidas, combustíveis e lubrificantes e de tecidos, vestuário, calçados e acessórios apresentaram evoluções mais modestas (0,8%, 0,3% e 0,2%, respectivamente).


JD

Geral

Macapá-AP, quinta e sexta-feira, 07 e 08 de junho de 2012

A7

Editor: Pablo Oliveira - pc.oliveira@jdia.com.br

Quase metade dos brasileiros concorda com uso de tortura para obter provas na Justiça

JD

Mundo

Nigéria DIVULGAÇÃO

Desapontamento da população com a eficiência da Justiça e das polícias em esclarecer crimes mais graves pode explicar o aumento da aceitação do uso de tortura

P

esquisa do Núcleo de Estudos da Violência da Universidade de São Paulo (USP) mostra que quase metade dos brasileiros concorda com o uso de tortura para obtenção de provas nos tribunais. O levantamento, feito em 2010 e divulgado no último dia (5), utilizou a frase “os tribunais podem aceitar provas obtidas através de tortura” e obteve discordância de 52,5% dos entrevistados, contra 71,2% em 1999. Para a coordenadora da pesquisa, professora Nancy Cardia, o desapontamento da população com a eficiência da Justiça e das polícias em esclarecer crimes mais graves pode explicar o aumento da aceitação do uso de tortura para obtenção de provas. “Existe uma frustração com o desempenho do nosso sistema de Justiça. Ao longo desse período,

de 1999 a 2010, houve um crescimento brutal da população prisional, mas não necessariamente estão nas prisões as pessoas que cometeram os crimes que produzem mais medo na população”, disse. A pesquisa aponta que, para a maioria dos entrevistados, a polícia deve “interrogar sem violência”. No entanto, aproximadamente um terço dos pesquisados concorda que a polícia, para obter informações sobre crimes, submeta suspeitos a meios extralegais como: “ameaçar com palavras”, ”bater”, “dar choques ou queimar com ponta de cigarro”, “ameaçar membros da família” e “deixar sem água ou comida”. O uso de algum tipo de violência é mais aceito para suspeitos de delitos como estupro (43,2%), tráfico de drogas (38,8%), sequestro (36,2%), uso de drogas (32,3%) e roubos (32,1%).

Estes suspeitos poderiam receber um pior tratamento durante a investigação policial, na opinião dos pesquisados. O levantamento mostra que quanto mais jovem o entrevistado, maior parece ser a tendência em apoiar o uso de práticas de tortura. De modo geral, os entrevistados continuam desaprovando o uso de força pela polícia. Porém caiu, no período de 1999 a 2010, os que “discordam totalmente” que a polícia pode: “invadir uma casa” (de 78,4% em 1999 para 63,8% em 2010), “atirar em um suspeito” (de 87,9% para 68,6%), “agredir um suspeito” (de 88,7%, para 67,9%) e “atirar em suspeito armado” (de 45,4% para 38%). Para a maioria dos entrevistados, a prisão é percebida como pouco ou nada eficiente tanto para punir (60,7%) ou reabilitar (65,7%) os infratores, como

também para dissuadir (60,9%) e controlar (63%) possíveis criminosos. Os entrevistados também foram ouvidos sobre as penas que seriam mais adequadas para os crimes graves – identificados pelas pessoas pesquisadas como os que atentam contra vida, terrorismo, corrupção, estupro e tráfico de drogas. O maior consenso identificado foi sobre o uso da pena de prisão perpétua para alguém condenado por terrorismo (35,9%), a pena de prisão com trabalhos forçados para políticos corruptos (28,3%) e a pena de morte aplicada a estupradores (39,5%). A opção de pena de prisão é mencionada por 32% dos entrevistados para os sequestradores, maridos que matam a mulher (30,5%), jovens que matam (37,2%) e traficantes de drogas (28,8%). (Agência Brasil)

Ministério do Desenvolvimento Social libera recursos para combate à seca no semiárido

Também serão construídos poços e represas para armazenagem de água para a produção de alimentos e criação de animais pelo Programa Uma Terra e Duas Águas (P1+2)

O

Ministério do Desenvolvimento Social (MDS), através de uma parceria firmada com a rede de Articulação no Semiárido Brasileiro (ASA), vai utilizar tecnologias sociais para a construção de 41.030 obras de combate à seca no semiárido. Para a construção de 33.400 cisternas, serão investidos R$138,3 milhões, por meio do Programa Um Milhão de Cisternas (P1MC). Também serão construídos poços e represas para armazenagem de água para a

produção de alimentos e criação de animais pelo Programa Uma Terra e Duas Águas (P1+2). “Trabalhamos com oito tipos de tecnologias sociais para a captação de água, desde a perfuração de cisternas a construções de cisternas de calçadão, que é basicamente a construção de uma calçada de 200 m², que leva a água da chuva direta para uma cisterna. Essa água fica destinada à produção agrícola e para a criação de animais”, disse a coordenadora nacional da

ASA, Cristina Nascimento. Segundo o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), tecnologia social “compreende produtos, técnicas e/ou metodologias reaplicáveis, desenvolvidas na interação com a comunidade e que representem efetivas soluções de transformação social”. A medida deve beneficiar diretamente 46.430 famílias agricultoras, escolhidas por comissões municipais. As obras serão executadas por organizações contratadas pela ASA, nos 253 municípios onde atua. Cerca de 2.500 empregos devem ser gerados no período de vigência das obras, sendo 2 mil vagas só para pedreiros. A previsão é que as obras fiquem prontas em sete meses. O coordenador geral do Centro de Desenvolvimento Agroecológico Sabiá, Alexandre Henrique Bezerra, um dos parceiros executores da ASA, explicou que os pedreiros são agricultores qualificados nas próprias comunidades. “São jovens, mulheres e homens que, durante uma semana,

aprendem a construir as placas das cisternas, nivelar a terra, colocar calhas nos telhados para captar água. Eles são orientados por agricultores que fizeram o curso anteriormente”, disse. Para Bezerra, investimentos como esse são importante porque possibilitam a expansão das economias locais, assim como a manutenção financeira das famílias durante o período de baixa produção de alimentos. “Essas construções possibilitam uma injeção de recursos na cidade, o que gera uma boa perspectiva, afinal, os materiais de construção são comprados na cidade e a remuneração dos trabalhadores vai para o comércio local”, disse Bezerra. Cada pedreiro recebe pela construção de uma cisterna de 52 mil litros R$ 720 e, por uma de 16 mil litros, R$ 252,50. A ASA é uma rede formada por cerca de 750 organizações da sociedade civil que atuam na gestão e desenvolvimento de políticas de convivência com a região semiárida. (Agência Brasil)

Ministério anuncia R$ 880 milhões para construção e ampliação de UPAs e unidades básicas de saúde

O

Ministério da Saúde divulgou ontem (6) a seleção de projetos para construção e ampliação de unidades de Pronto-Atendimento (UPAs) e de unidades básicas de saúde em todo o país. De acordo com a pasta, um total de R$ 880 milhões em investimentos deve beneficiar 29,6 milhões de pessoas que vivem em 2.265 municípios de 21 estados. Serão repassados recursos federais do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC 2) para a construção de 136 UPAs. O dinheiro também será destinado à ampliação de 56 UPAs e de 5.459 unidades básicas de saúde. Segundo o ministério, o

objetivo é aumentar o acesso aos serviços de saúde com qualidade, desafogar os atendimentos nas urgências e emergências e ampliar a assistência especializada. As unidades básicas são locais onde o cidadão pode receber, gratuitamente, atendimentos essenciais na área de saúde da criança, da mulher, do adulto e do idoso e em odontologia, além de dispor de medicamentos e outros atendimentos considerados essenciais. Já as UPAs oferecem atendimento de média complexidade (vítimas de acidentes e problemas cardíacos, por exemplo). Dados do ministério indicam que, nas unidades em pleno atendimento, é

Trabalhos de resgate em avião

Os trabalhos de resgate após a queda de um avião em Lagos, na Nigéria, terminaram com um balanço de 153 corpos encontrados, informou O porta-voz da Agência Nacional de Gestão de Desastres da Nigéria, Ibrahim Farinloye, disse que a operação acabou após o resgate de 153 corpos do local do acidente. “Em nossos arquivos constam 86 homens, 49 mulheres e 12 crianças, mas falta determinar o sexo do resto dos mortos”, acrescentou Farinyole.

Barbara Walters

Jornalista americana pede desculpas

Barbara Walters, uma das jornalistas mais conhecidas dos EUA, pediu desculpas ontem depois que foi revelada uma série de e-mails que mostram que ela fez lobby para que a filha de um assessor do ditador sírio, Bashar Assad, conseguisse vaga na CNN e na Universidade Columbia, em Nova York. Os e-mails obtidos pela oposição síria e divulgados pelo “Daily Telegraph” começaram no fim de 2011, quando a âncora da rede ABC tentava uma entrevista com Assad (que foi ao ar pela emissora em dezembro), e prosseguiram neste ano.

Mitt Romney

Vence as primárias republicanas

O ex-governador de Massachusetts Mitt Romney, que já é extraoficialmente o candidato do Partido Republicano à presidência dos Estados Unidos, continuou somando delegados nesta terça-feira ao vencer as primárias de Nova Jersey, Novo México, Montana, Dakota do Sul e Califórnia. Exceto na Dakota do Sul, onde obteve 66,1% dos votos com 99% das urnas apuradas, Romney triunfou em todas as primárias com um apoio eleitoral superior a 70%, segundo dados preliminares. Nas últimas semanas, as pesquisas de opinião dão conta de um empate técnico entre Romney e o atual presidente americano, Barack Obama, a cinco meses do pleito de 6 de novembro.

Katie Tindall DIVULGAÇÃO

Cortou o próprio cabelo para doar a amiga com câncer Serão repassados recursos federais do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC 2) para a construção de 136 UPAs

possível atender, sem necessidade de encaminhamento ao pronto-socor-

ro hospitalar, 97% dos pacientes que procuram assistência médica.

Uma menina americana chamou a atenção de pessoas ao redor do mundo após doar seu cabelo a uma amiga com câncer. Katie Tindall, de 9 anos, decidiu que queria ajudar sua colega de classe Emily Pena, de 8 anos, após perceber que a garota tinha perdido o cabelo por causa de seu tratamento para combater um câncer. “Katie ficou comovida pelo fato de que sua amiga precisava usar um chapéu para ir à escola”, disse à BBC Brasil Marissa Tindall, mãe da menina que tem dois irmãos gêmeos.


Sociedade

Aline Lima alinelima@jdia.com.br

Macapá-AP, quinta e sexta-feira, 07 e 08 de junho de 2012

Editor: Pablo Oliveira - pc.oliveira@jdia.com.br

Contrate o Programa Balada Fashion para o seu evento: Inauguração de empresas, coquetel de lançamento da nova coleção, aniversário, formatura, confraternização, etc... Contatos: 9112 5045/ 9112 1989. Programa Balada Fashion todos os sábados às 18:40 e reprise aos domingos às 14h. Na REDETV. Empresário Walter Monte

Rafael e Willian Camilo

Mensagem do dia “Não confunda jamais conhecimento com sabedoria. Um o ajuda a ganhar a vida; o outro a construir uma vida.” (Sandra Carey)

O

Sebrae abre inscrições para o Empretec, que acontece em Macapá, no período 25 a 30 de junho, das 8h às 12h e das 14h às 18h. Os interessados devem procurar a sede do Sebrae para preencher a ficha de inscrição. De acordo com a metodologia, o interessado passará por uma entrevista no período de 11 a 15 de junho, para identificação das características exigidas para participação no treinamento. Se aprovado, o candidato efetiva a inscrição.

Toda elegância da jornalista Elainne Juarez

Irmãos Lizziane e Laércio da Divina Arte

Dacio e Jaqueline

Samantha Serra

Maxellen Maximo


CadernoB

DiaDia Macapá-AP, quinta e sexta-feira, 07 e 08 de junho de 2012

Editor: Túlio Pantoja- tuliopantoja@jdia.com.br

Professores continuam em greve e governo revida cortando gratificações Mesmo após decisão da Justiça contra a classe, educadores decidem continuar com movimento no Estado ANDREZA SANCHES Da Redação

O

s professores estaduais decidiram ontem, em assembleia geral, que vão continuar em greve por tempo indeterminado, mesmo contrariando uma decisão judicial que considerou o movimento ilegal. Apesar do revés sofrido na Justiça estadual, o sindicato da categoria vai recorrer às instâncias judiciais superiores para conseguir fazer valer as reinvindicações apresentadas. Revide Estão suspensas, até os professores voltarem para as salas de aulas, as gratificações de regência de classe e a do ensino modular. A natureza da primeira é que ela deve ser paga apenas para professores que estão em sala de aula ou em atividades pedagógicas que justifiquem essa modalidade de gratificação. A segunda é uma gratificação para profissionais que atuam no Ensino Modular e que desenvolvem atividades profissionais nas comunidades rurais do Estado do Amapá. Como os professores decidiram continuar com a greve permanecendo fora das salas de aulas e se ausentando também das aulas do ensino modular nas comunidades rurais o go-

verno decidiu fazer a suspensão. A medida já tem impacto no próximo pagamento dos professores incindindo inclusive, proporcionalmente, sobre as verbas referentes aos 50% do 13º salário. Com tudo, a medida só atinge os professores que continuam em greve. Penalidade A paralisação já ocorre há 47 dias e a indenização do Sindicato dos Servidores Públicos em Educação (Sinsepeap) alcança R$ 30 mil, cujo pagamento devido por cada dia sem retornar a sala a aula é de R$ 10 mil determinado pela Procuradoria Geral do Amapá (PGE) na última semana, quando decretou a ilegalidade da greve e suspendeu a paralisação. Como em todas as assembleias promovidas pelo Sindicato, plenária que decidiu pela continuação da greve contou com a participação massiva dos educadores, que desconsideram o complemento ofertado pelo Governo do Estado, por não atender a reivindicação da classe. Ao que tudo indica, a categoria não deve retornar a sala de aula este semestre. Todo o calendário pedagógico programado para este período foi comprometido, prejudicando principalmente estudantes do últi-

mo ano do ensino médio, já que devem participar do Exame Nacional de Ensino Médio (ENEM). A última reunião entre representantes do Governo e professoresfoi promovida no dia 22 de maio. Desde então, a categoria e o Estado não refizeram a mesa de negociação. O Governo já sinalizou que somente retomará a conversa após retomada das atividades em sala de aula, mas educadores se recusam a atender pedido, mantendo o movimento. A Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação (CNTE) orienta as entidades filiadas e que lutam pela implantação do Piso Salarial Profissional Nacional, que o processo de negociação com os governos inicie com o valor defendido pela CNTE de R$ 1.937,26 como vencimento inicial na carreira. A Confederação aindareivindica o cumprimento integral da lei com 1/3 da jornada seja destinada para a hora atividade e que o valor do piso deve ser aplicado para as jornadas de trabalho que estão instituídas nos planos de carreira de estados e municípios. Ilegalidade da Greve O desembargador Raimundo Vales confirmou a ilegalidade do movimento. Com base no documento

HEVERTON MENDES

Assembleia Geral decidiu pela continuação da greve. Movimento vai para o 48º dia

protocolado pela PGE, foi anexado o Projeto de Lei nº 009, de 31 de maio de 2012, encaminhado à Assembleia Legislativa, dispondo sobre a complementação do piso salarial dos professores. O Sindicato dos Servidores Públicos em Educação no Amapá (Sinsepeap), que pagará multa de R$ 10 mil por dia, vai recorrer da decisão. Os servidores decidirão os novos passos do movimento na assembleia-geral extraordinária marcada para amanhã (6), às 16 horas, na quadra do Colégio Amapaense (CA). A última proposta apresentada pelo governo garante que o reajuste aumentaria de 15,56% para 16,56% para toda a catego-

ria, ou se manteria os 15,56% para todos e somaria a isso índices diferenciados para os professores que não atingissem o piso nacional. Educadores ganham direito ao Piso na Justiça Na mesma situação também se encontravam educadores da rede estadual do município de Glória d’Oeste (MT), ganharam na Justiça o direito da aplicação do piso salarial nacional. O mandado de cumprimento de liminar favorável à categoria foi proferido em abril. O piso salarial do magistério teve um reajuste de 22,22%, de acordo o Ministério da Educação (MEC), e hoje é de R$ 1.451,00, en-

quanto os trabalhadores de Glória D’Oeste recebem R$ 725,02. O piso defendido pela Confederação Nacional dos Trabalhadores da Educação (CNTE) é de R$ 1937,26. A categoria tentou várias negociações com o prefeito do município desde março, quando a categoria começou a luta pela reestruturação do Plano de Carreira, Cargos e Salários (PCCS), englobando os demais trabalhadores da educação e a aplicação do piso salarial nacional de acordo com a Lei 11.738/2008, mas não vinha obtendo avanços. Com a liminar, os professores esperam ser atendidos ou deverão recorrer ao Ministério Público Estadual.

Técnicos da Unifap anunciam greve na próxima segunda ANDERSON CALANDRINI Da Redação

O

s técnicos administrativos da Universidade Federal do Amapá (Unifap) anunciaram na manhã da última quarta-feira, que estarão a partir do dia 11, segunda-feira, aderindo ao movimento grevista de muitos servidores federais, que lutam por melhores reconhecimentos. Segundo Hélcio Alcântara, representante dos técnicos, a paralização por tempo indeterminado foi votado em assembleia do Sindicato dos Servidores Técnicos Administrativos da Unifap (Sinstaufap), que estão aderindo às resoluções da Fasubra que é a federação que representa os técnicos de todo o Brasil. “Na última quarta discutimos em assembleia a deflagração da greve, que ficou acertada na

plenária da Fasubra, que ocorreu no dia 03 e 04 na reunião” explicou Hélcio. De acordo com os representantes da Sinstaufap, 37 universidades do Brasil realizarão a deflagração da greve no dia 11, podendo ser apoiado por outras nos dias decorrentes. “No Amapá a categoria entrará na manifestação no dia 11, momento em que estará realizando as manifestações necessárias, juntas a outros sindicatos de servidores federias, para pedir agilidade nas negociações com o Governo Federal” continuou Hélcio. Reivindicações A categoria pede que o piso da classe seja reajustado em pelo menos três salários mínimos. De acordo com a coordenadora-geral da Fasubra, Léia Oliveira, hoje os servidores recebem R$ 1.034. Uma das reivindi-

Entre um gole e outro TULIO PANTOJA

Sociólogo tuliopantoja@hotmail.com Na UTI Com a entrega maciça das cartas de demissões voluntárias por cerca de 20 médicos que prestavam serviço na rede hospitalar do estado, o caus tomou conta dos hospitais. O estopim para que a classe dos homens que vestem o jaleco branco tomasse tal atitude radical, foi o assédio moral que alegam sofre por parte da gestão estadual, com o anuncio dos pagamentos dos plantões sendo feito de forma diferen-

ciada. Alternativa Com a desistência dos médicos dos plantões, o GEA não teve outra alternativa senão acionar as forças armadas para que o quadro de médicos militares prestarem auxilio nesse momento de crise, para que o sofrimento da população seja minimizada. Desgaste Com todas essas problemáticas acontecendo na saúde e na edu-

cações é que a próxima Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) já traga a previsão do reajuste. Além dessa vindicação os servidores pedem pela contratação de novos técnicos, pois atualmente os técnicos estão muitos sobrecarregados. “A situação se agravou após a implantação do Reuni, que é programa de apoio a planos de reestruturação e expansão das Universidades Federais, que tem o objetivo de ampliar o acesso e a permanência na educação superior, e permitiu o aumento de cursos nas universidades, fato que aumentou a demanda dos servidores das Instituições federais, pois só o número de acadêmicos aumenta, enquanto que os servidores continuam com a mesma quantidade, fato que sobrecarrega a categoria” concluiu Hélcio. A categoria estará estucação, virou mesmo um prato cheio para a oposição, com o governo enfraquecido as redes sociais se tornaram uma ferramenta fundamental para alfinetadas e cutucadas que acabam, no mínimo, incomodando, Já postaram até que além dos médicos das forças armadas, o GEA estaria disponibilizado nos hospitais os curandeiros, benzedeiras e é claro não nos esquecemos das nossas parteiras tradicionais para assumirem os plantões nas casas de saúde. Sem comentários... Mais uma Como se todos esses problemas com os movimentos sociais não fossem suficiente para tirar o sono do governador,

dando as formas de realizar os manifestos, e provavelmente devem estar se unido à greve dos professores federais e estaduais que já estão acontecendo a mais de três semanas. Governo não quis negociar Depois de várias tentativas de negociação com o governo, todas sem sucesso, os servidores chegaram ao limite. “Nosso caminho preferencial é sempre o da negociação, a greve é a última medida. Infelizmente o Governo Federal preferiu não negociar e não nos deu outra opção”, informou a FASUBRA. Calendário Dia 11/06 – Deflagração da Greve Dia 12/06 – Atos e Mobilizações de Rua Dia 14/06 – Atos e Mobilizações nos Hospitais vem a notícia da intervenção do Banco Cruzeiro do Sul, por seis meses, por apresentarem problemas com a sua parte contábil, além de apresentarem padrões não estabelecidos pelo sistema financeiro. É importante salientar que o GEA tem cerca de R$49 milhões de reais investidos na instituição financeira, esse dinheiro é dos servidores públicos do Estado. Garantia De acordo com a entrevista concedida para o Jornal do Dia, o diretor-presidente da AMPREV Elcío Ferreira, garantiu que os investimentos feitos no banco Cruzeiro do Sul, não serão afetados por ocasião da intervenção, o que tranquilizaria

Segundo Hélcio Alcântara, representante dos técnicos, a paralização será por tempo indeterminado

Universitários Dia 15/06 – Instalação do Comando nacional cerca de 27 mil contribuintes da AMPREV. Ainda ressaltou que o contrato com a instituição financeira que sofreu intervenção foi herdada da gestão passada. Cem dias de administração Enquanto o a greve pega fogo castigando pais, alunos e até o pessoal que vende balas na frente das escolas, a queda de braço entre o governo e os professores para longe de um final feliz, tem secretário comemorando seus cem dias de gestão, a frente da maior pasta do estado, assim como o tamanho dos seus problemas. Não sei se tem alguma coisa o que o comemorar, mas tem etnias que fazem festa em velório. Vai en-

de Greve (CNG) Dia 18/06 – Atos nas Reitorias tender... Vandalismo Usuários do transporte coletivo intermunicipal da linha Macapá/Santana estão aterrorizados com os constantes ataques de vândalos na Baixada do Ambrósio, os bandidos atiram contra os ônibus pedras, pedaços de madeira, ferro, o fato acontece sempre no mesmo local e no período da noite, na Rua Cláudio Lúcio, próximo da feira. Os estilhaços dos vidros já feriram diversas pessoas, é bom o BOPE dar uma passadinha por lá para tirarem de circulação esses terroristas de beira de ponte. Por hoje é o que há. Até sábado e bom feriado!


JD

Polícia

Macapá-AP, quinta e sexta-feira, 07 e 08 de junho de 2012

B2

Editor: Fabrício Costa - fabriciocosta@jdia.com.br

Homens desaparecem durante mergulho Três homens saíram para pescar na região dos lagos no município de Tartarugalzinho e desapareceram no local ALYNE KAISER Da Redação

O

fato aconteceu por volta das 20h de terça-feira (5). Três homens saíram para pescar na região dos lagos no município de Tartarugalzinho. Já à noite, por volta das 20h, o Raimundo dos Santos Ferreira, de 32 anos e Junilson Corrêa dos Santos, de 21 anos desceram para mergulhar em apinéia. Nesse mergulho, as pessoas não usam instrumentos próprios. Raimundo não retornou e Junielson foi atrás dele. Os dois desapareceram e uma terceira pessoa ainda desceu para salvá-los, mas não conseguiu e foi para o município para obter ajuda. A equipe do sargento Weider, do Corpo de Bombeiros do Amapá saiu cedo da manhã de ontem de Macapá para o local a fim resgatar os corpos. Até o

fechamento desta edição os dois ainda não haviam sido resgatados. De acordo com estatísticas do repórter policial João Bolero Neto, até agora já foram registrados 38 óbitos por afogamento em todo o estado. Destes, 10 foram em Macapá, sendo 3 na orla da Cidade. Outros 3 casos aconteceram em Calçoene e 3 em Mazagão, 2 em Oiapoque, 2 no Rio Amapari (Porto Grande), 2 no Lontra da Pedreira, 2 na Rodovia Duca Serra, 2 no Bailique, 2 em Santana e 2 em tartarugalzinho. Ainda aconteceu um caso em cada localidade Ferreira Gomes, Distrito do Lourenço (Cal��oene), Bailique, Rio Pirativa/MCP, Santo Antônio da Pedreira, Amapá, Laranjal do Jari e Pedra Branca. Dos mortos, 30 eram do sexo masculino e 8 do sexo feminino.

DIVULGAÇÃO

De acordo com estatísticas do repórter policial João Bolero Neto, até agora já foram registrados 38 óbitos por afogamento em todo o Estado

Mulher morre queimada

P

assava das 9h da manhã de ontem quando a deficiente Lindalva Gomes Tavares, de 36 anos, estava na casa dela e morreu queimada. De acordo com informações da polícia a mulher, que sofria deficiência mental teria ateado fogo à própria cama.

Uma irmã da moça chegou a sentir o odor de queimado, mas não conseguiu salvá-la a tempo. Informações extra oficiais dadas por vizinhos dão conta de que o pai da moça teria saído para deixar uma criança na escola e a deixou acorrentada à cama. “Ela era

muito agressiva e ele sempre fazia isso para que ela não se ferisse”, disse um vizinho, que não quis se identificar. Várias equipes de reportagem que estavam no local viram quando um dos trabalhadores do local entrou com um alicate para que a corrente fosse cortada. (A.K)

Policiais civis desmontam esquema de receptação de veículos roubados AGÊNCIA PARÁ Fonte

U

ma quadrilha especializada em roubo e transporte de veículos roubados para a ilha do Marajó foi desarticulada, na última quarta-feira, 6, pela equipe da Delegacia de Repressão a Furtos e Roubos de Veículos Automotores (DRFVA), da Polícia Civil. O líder do bando, Alvando Vilela Júnior, 37 anos, foi preso no momento em que chegava de viagem de Breves, no Marajó, ainda no porto situado na avenida Bernardo Sayão, bairro do Guamá, em Belém. Na casa alugada pelo acusado, situada no Conjunto Natália Lins, bairro da Marambaia, foi preso o comparsa dele, Magno Pinto da Silva, 25 anos, e apreendido um adolescente de 16 anos. Um carro modelo Polo e uma moto roubados

foram recuperados. O carro estava na casa de um militar da Aeronáutica que foi preso em flagrante. Todos irão responder por receptação de roubo; formação de quadrilha e falsificação de documentos. Sob comando do delegado Marco Antônio Duarte, titular da DRFVA, os policiais civis da unidade policial vinculada à Divisão de Repressão ao Crime Organizado (DRCO) abordaram inicialmente Alvando, que já estava com mandado de prisão preventiva decretado pela Justiça. No mês de abril passado, 11 veículos roubados, que tiveram as placas clonadas, foram apreendidos pela Polícia Civil em Portel, no Marajó. Na ocasião, o delegado de Portel, Adalberto Cardoso, informou que os veículos transitavam nas ruas da cidade. Os veículos, modelo Toyota

Ronda Policial JOÃO BOLERO

Da 99,1 FM BLOG DO BOLERO

Assaltantes amapaenses são presos em Belém Quatro pessoas foram presas na tarde da última segunda-feira, em Belém do Pará, acusados de fazerem parte de uma quadrilha especializada em assaltar bancos e agências lotéricas. São eles: Rafael Paiva Bastos (23) “Rafinha”, Marlúcio Freitas (27), Júlio Cícero (42) e Fernando Lobato (22). Eles foram localizados no bairro Jurunas, em uma residência. A prisão deles ocorreu durante uma ação da Polícia Civil do Pará, através da Divisão de Repressão ao Crime Organizado (DRCO), e de Agentes d Polícia Civil de Macapá. É bom frisar que o Marlúcio e o Rafael, são foragidos do IAPEN. Os agentes da Polícia Civil aqui de Macapá, estavam há uma semana em Belém, investigando o paradeiro dos dois, uma vez que eles são acusados de praticarem assaltos em uma agência bancária, assim como, em algumas agências dos Correios, todas no interior do Estado. Segundo Delegado Samuelson da DRCO de Belém, na madrugada do último domingo, eles estouraram uma Agência lotérica o Bairro Cidade Nova VI, em Ananindeua, de onde furta-

Hilux Diesel; Chevrolet Agile; Fox; Gol Trend; Voyage, entre outros, ficaram recolhidos na Delegacia de Portel no aguardo da identificação dos proprietários. Com o andamento das investigações, a equipe da DRFVA descobriu que Alvando era o responsável pelo envio dos veículos roubados para o Marajó, ondes os mesmos eram revendidos a terceiros com sinais de identificação (chassis e placas) adulterados e documentos falsos. Natural do Rio Grande do Norte, Alvando é considerado o maior ladrão de carros em atuação na Região Metropolitana de Belém. Com base nas investigações, ele teve o mandado de prisão decretado pela Justiça. As investigações prosseguem para identificar outros envolvidos com o bando.

Homem pratica ato libidinoso dentro de coletivo intermunicipal

U

m homem de 49 anos, acusado de ter praticado ato libidinoso dentro de um ônibus intermunicipal que faz a linha Macapá – Laranjal do Jarí acabou detido ao chegar ao destino. De acordo com a polícia, uma equipe de Rádio Patrulha do 11° Batalhão co-

mandada pelo sargento R. Gonçalves foi acionada para atender uma ocorrência no Terminal Rodoviário. Uma moça de 20 anos contou ao policial que durante a viagem no ônibus, às proximidades da comunidade do Maracá, o senhor Jordão C. S. 49

anos, passou a mão nas partes íntimas da vítima. Jordão foi preso e encaminhado a Delegacia de Polícia de Laranjal do Jarí. Ele poderá responder pelo Art. 214 do Código Penal (Atentado Violento ao Pudor), cuja pena varia de 6 a 10 anos de reclusão. (A.K)

Balsa colide com barco da polícia

A

balsa Rainha Ester, de Belém do Pará colidiu com a embarcação Amazonas, da Polícia Ambiental por volta das 3h da manhã de ontem. De acordo com informações do tenente Iram, do Bope, as embarcações colidiram quando os Policiais Militares adentravam no canal do Igarapé da Fortaleza. A balsa estava totalmente sem iluminação. “Quando o policial avistou a balsa, tentou uma

manobra brusca mas, não conseguiu evitar o acidente”, diz ele. O condutor da embarcação foi dragado para a parte de baixo da balsa e, mesmo com a correnteza forte, um dos policiais do BOPE conseguiu salvá-lo. O militar estava desacordado e recebeu atendimento de urgência, com reanimação cárdio-respiratória. Na a viatura estavam quatro policiais do BOPE, 3 policiais do Batalhão Am-

biental e dois acusados de cometerem crimes em Mazagão Velho. Segundo iram, os dois estavam sendo acusados de ter participado de um confronto armado envolvendo cinco bandidos e uma equipe policial do Batalhão Ambiental. Os policiais conseguiram evitar a fuga dos acusados e os levaram direto para o Centro Integrado de Operações em Segurança Pública do bairro Pacoval. (A.K)

Polícia desarticula quadrilha de gado no PA

A

equipe da Polícia Civil em Xinguara, sul do Pará, desarticulou na última quarta-feira (6) uma quadrilha de ladrões de gado que agia na região. O furto de 24 cabeças e de um cavalo ocorrido na fazenda Três Lagoas, no município de Tucumã, foi o ponto de partida para a identificação e prisão de todos os envolvidos nos crimes. Os policiais

ram 100 mil reais. Tanto o Rafinha como o Marlúcio deverão chegar ainda esta semana em Macapá, indo direto pro IAPEN. Fabrício “Gordo” está de volta ao Iapen Acusado de praticar vários assalto e furtos na Cidade, principalmente na Zona Sul da Capital, Agentes da Polícia Civil da Captura, comandada pelo delegado Valcely Almeida, prenderam ontem, na residência dele, o FABRÍCIO Oduval Guedes Furtado (20), que já cumpriu pena no IAPEN pela prática desses crimes, porém, através de recursos do advogado dele, estava solto, com a obrigação de assassinar o ponto todo mês no Fórum, o que ele não vinha fazendo, daí o motivo da Justiça ter expedido mandado de prisão. Ele tá sendo acusado também, de no último domingo, ter furtado um computador de uma residência, que fica próximo a casa dele em uma área de ponte, que é prosseguimento da Rua Dos Moraes. Ele foi encaminhado ontem ao IAPEN. Dupla assalta comercial no centro da cidade Dois maus elementos amados com armas de fogo e que montavam em uma bicicleta, por volta das 09h30min da noite de segunda-feira (4), renderam o proprietário de um estabelecimento comercial, que fica na Rua Hamilton Silva e roubaram do caixa a importância de 200 reais e 1 celular e se mandaram. O CIODES chegou a ser acionado pela vítima que encaminhou uma Guarnição da PM, po-

apuraram que as reses bovinas e o cavalo foram transportados em um caminhão boiadeiro para a cidade de Xinguara. A equipe policial vinha investigando o esquema criminoso. Dois donos de açougues na região, os irmãos Janilton Ribeiro da Silva e Jair Ribeiro da Silva, conhecidos na cidade de Xinguara como “Irmãos

Amizade”, foram presos em flagrante. As investigações mostraram que o gado e o cavalo furtados foram desembarcados em um matadouro localizado às margens da rodovia PA-279, em Xinguara. Os policiais civis foram ao local, onde encontraram o funcionário do matadouro, Mateus Xavier Farias da Silva, que confirmou. (Diário On Line)

rém, os acusados não foram presos. Dupla é presa em flagrante quando assaltava uma mulher em via pública Encontram-se presos no CIOSP do Congós, aguardando determinação judicial para seguirem ou não para o IAPEN, o Antônio Sandro Nobre Neto e o Paulo Ricardo Hora. È que eles foram presos em flagrante delito, após assaltarem uma mulher em via pública, no Bairro Congós, de quem eles roubaram a bolsa da vítima, onde continha um celular, e certa importância em dinheiro e vários documentos. Esse crime foi praticado na noite da última segunda-feira (4). A prisão da dupla foi efetuada por uma Guarnição da PM do 1º Batalhão. Colisão entre duas bicicletas mata mulher Morreu por volta das 06h50min da noite de ontem (5), no H.E de Macapá, a doméstica Maria das Graças Barros da Silva (58),que residia na Av. Cid Borges Santana, Infraero II. Ela foi vítima de traumatismo craniano, cujo fato aconteceu dia 1 do mês corrente, na Av. Carlos Lins Corte, Infraero II, quando a Maria pedalava uma bicicleta e colidiu com outra bicicleta, cujo condutor, fugiu, logicamente sem prestar socorro a vítima, que foi encaminhada através de uma ambulância ao H.E de Macapá. Porém, no início da noite de ontem (5) ela acabou não resistindo. Até agora, a polícia não identificou o outro ciclista que colidiu com a Maria.


JD

DiaDia

Macapá-AP, quinta e sexta-feira, 07 e 08 de junho de 2012

Procon investiga suspeita de formação de cartéis Órgão conclui levantamento de preços para saber se cabe ou não penalidades

N

a manhã de terça-feira, o Instituto de Defesa do Consumidor do Amapá (Procon-AP) iniciou uma fiscalização nos postos de combustíveis de Macapá e Santana para averiguar suposto alinhamento de preços, que popularmente são conhecidos como cartéis. A ação foi montada após o órgão ter recebido diversas denúncias de clientes. A chefe de Fiscalização do Procon, Marcela Queiroz, disse que o órgão está concluindo uma pesquisa para verificar a dinâmica dos preços cobrados entre os postos de combustível. “Caso seja constatada em mais de cinco postos a mesma precificação, iremos considerar suspeita de cartel e assim faremos a notificação nesses empreendimentos”, alertou. Abusos Os cartéis, ou acordos entre competidores estabelecendo preços, fraudar concorrências (entregar

HEVERTON MENDES

Fiscais do Procon checam postos de combustíveis para averiguar suposto alinhamento de preços

ofertas combinadas), restringir a produção ou dividir mercados, são a violação mais séria e danosa da lei da competição. Eles prejudicam os consumidores pelo aumento abusivo dos preços e pela restrição de oferta. Eles criam o poder do mercado, desperdício e ineficiência nos países cujos mercados deveriam, de ou-

tro modo, ser competitivos. Os cartéis no Brasil provocam prejuízos de centenas de bilhões de reais por ano. Para se ter uma ideia, entre 1999 a 2009, os acordos que se caracterizaram em cartéis geraram uma multa estimada em 1 bilhão de reais em 73 empresas. As leis de competição da maioria dos países, prevê-

em a imposição pesadas multas contra as organizações pela conduta de formação de cartéis. As multas máximas são expressas ou em valores absolutos ou como um percentual do faturamento anual da companhia acusada. As multas, expressas como percentagem do ganho, variam bastante, de 3% para 189%.

Feriados reduzem as vendas no comércio

HEVERTON MENDES

O movimento ainda é menor quando os feriados caem no início ou no fim da semana, como é o caso deste de Corpus Christi

CYNTHIA PEIXE Da Redação

N

o inicio do ano o governo publicou do Diário Oficial da União o calendário de feriados nacionais e pontos facultativos de 2012. Serão, ao todo, 16 datas, dois dias a mais do que em 2011. Os brasileiros e consequentemente os amapaenses vão aproveitar oito feriados nacionais e oito pontos facultativos ao lon-

go do próximo ano. Entretanto o que é bom para uns, pode ser prejuízo para outros, já que segundo Marcos Antônio Cardoso, presidente do Sindicato do Comércio Lojista do Estado do Amapá (Sindloja) o comércio registra queda no movimento e vendas durante os feriados. O movimento ainda é menor quando os feriados caem no início ou no fim da semana, como é o caso deste feriado de Corpus

Cristi. “O Brasil é cheio de feriados, isso prejudica muito o comércio. Quando um feriado é prolongado a população geralmente aproveita para viajar, consequentemente as vendas diminuem. Isso cria um embaraço no comércio, porque ele precisa que tudo esteja funcionando para que consiga vender.”, explicou Marcos Antônio. No feriado de Corpus Cristi o comércio de Macapá abrirá de 8h às 13h e

na sexta-feira, abrirá normalmente, entretanto foi decretado ponto facultativo no estado. “O comércio pode abrir, quem quiser pode abrir, pagando tudo o que foi acordado no acordo coletivo de trabalho. Mas para nós, funcionar em um feriado prolongado como este é muito caro porque nós pagamos muitos impostos, mas a movimentação não compensa”, disse o presidente.

Malha viária: prejuízo certo para motoristas ANDERSON CALANDRINI Da Redação

M

esmo com o fim do período chuvoso, não se viu pelas ruas da Capital a implantação de programas de revitalização da malha viária, como havia sido explicado pelo antigo secretário municipal de obras Carlos Aragão, que em meio ao período das chuvas informou que era só o verão começar que a recuperação das ruas iniciaria. Porem, a realidade encontrada pelas ruas de Macapá é apenas a continuação da operação tapa buraco, que muitas vezes estampou os noticiários por conta da sua ineficácia. E por não haver essa melhora na malha viária

as reclamações dos motoristas só aumentam em relação ao prejuízo que o estado das ruas tem causado aos veículos. Um desses problemas está localizado na Avenida Ana Nery, entre a Rua Eliezer Levy e a Odilardo Silva, que na manhã da última quarta-feira (6) protagonizou mais um dos casos de prejuízos a veículos, pois quando o professor Carlos André passava pelo local, teve o carro atolado em uma vala que corta a via de um lado ao outro. “Essa dificuldade não é uma exclusividade da Avenida Ana Nery, mas de muitas outras vias, que são evitadas pelos motoristas por conta dos prejuízos que podem acusar principalmente a suspensão dos

veículos”, contou o Professor que ao tentar retirar seu carro da vala, teve o para-choque quebrado. Segundo os moradores, a rua nunca passou por verdadeiras obras de revitalização. A buraqueira que toma conta das vias tem gerado dezenas de reclamações e provocado protestos. Há mais de cinco anos na praça, o taxista Jocivaldo Pereira, conta que as péssimas condições da rua já lhe trouxeram vários prejuízos. Entre eles, desalinhamento e a quebra do rolamento de seu carro. Indignado, ele lamenta a falta de administração da atual gestão do município. “Do jeito que está, nem operação tapa buraco dará mais certo, os buracos estão de juntan-

do, e formando verdadeiras crateras” criticou o taxista. Prejuízos Prejuízos para uns, lucro para outros. Lojas de peças para veículos, oficinas e auto mecânicas, são as que mais ganham com a falta de infraestrutura da malha viária do município. O proprietário de oficina de carros no bairro Beirol, diz que a maioria de seus clientes, tem algum problema ocasionado pela buraqueira nas vias. “Volta e meia, é um corte no pneu, um pivô ou um amortecedor danificado. E não adianta desviar, a gente sempre encontra um buraco pela frente” reclamou o motociclista, Edivaldo Leão.

B3

Editor: Fabrício Costa - fabriciocosta@jdia.com.br

Bastidores da notícia

RODOLFO JUAREZ

Jornalista rodolfojuares@gmail.com Inspeção Em inspeções realizadas pelo Grupo de Monitoramento do Sistema Carcerário que tem como presidente o Juiz titular da Vara de Execuções Penais, Reginaldo Gomes de Andrade, foi constatada que a Unidade de Assistência à Saúde Prisional do IAPEN dispõe de um único Pavilhão/Anexo destinado a atendimentos ambulatoriais, consultas, recuperação de estados clínicos diversos, bem como internação de custodiados submetidos ao regime de medida de segurança.

Previsão constitucional Além das cassações de mandato de deputados e senadores, a Constituição Federal prevê o voto secreto para outras votações, como análise de vetos presidenciais e indicação de ministros para os tribunais superiores. Para entrar em vigor, a PEC tem que ser aprovada em dois turnos pelo plenário do Senado, com apoio de pelo menos 60% dos senadores (49 de 81), e passar por outras duas votações na Câmara, onde necessita dos votos de pelo menos 308 dos 513 deputados.

O resultado Assim, pacientes com sofrimento psíquico compartilham celas com os demais reeducandos que estão recebendo tratamento para outras patologias. Diante desse quadro, o Juiz Reginaldo Andrade requisitou, em caráter de urgência, a intervenção infraestrutural no pavilhão/anexo da enfermaria e a execução de um plano voltado para a reabilitação psicossocial dos internos com transtornos mentais submetidos a tratamento psiquiátrico, conforme a Recomendação nº 35 do CNJ, que está em concordância com os princípios da Lei Federal nº. 10.216/2001, que dispõe sobre a proteção e os direitos das pessoas com transtornos mentais e redireciona o modelo assistencial em saúde mental.

Corpus Christi Hoje, quinta-feira, dia 7 de junho, é dia de Corpus Christi, expressão latina que significa Corpo de Cristo. O evento, com data móvel, é sempre celebrado na quinta-feira seguinte ao domingo da Santíssima Trindade, que acontece no domingo após o de Pentecostes, o qual ocorre 50 dias depois da Páscoa. Contudo, a data não é feriado nacional, constituindo feriado municipal em diversas cidades, especialmente as localizadas no sul, sudeste do País e, também, no Amapá.

Feira Nacional do Camarão A Prefeitura de Macapá, através da Coordenadoria de Aquicultura do Município, irá participar da 9ª Edição da Feira Nacional do Camarão (Fenacam), realizada na cidade de Natal, capital do Rio Grande do Norte. O Sebrae é parceiro da ação e irá custear a participação de 10 produtores macapaenses no evento, que acontece entre os dias 11 e 14 de junho. O objetivo é buscar conhecimentos através de novas tecnologias para a produção de camarão de água doce. Mais importante A Feira Nacional do Camarão é o mais importante evento de aquicultura do Brasil e da América Latina. Durante o evento serão apresentados palestras e trabalhos técnicos nacionais e internacionais com objetivos de ilustrar os produtores sobre atualizações e progressos da aquicultura e da carcinicultura nas diversas regiões do Brasil e nos principais países que praticam a atividade. Morreu Rubens Baraúna Faleceu ontem, dia 6, aos 86 anos, por falência múltipla de órgãos, o médico e pecuarista Rubens de Baraúna. Pioneiro no ramo da medicina trabalhou durante 10 anos na Icomi, foi o responsável pela implantação do centro cirúrgico do Hospital São Camilo, foi secretário de Estado de Saúde no Governo de Arthur de Azevedo Henning e de Annibal Barcellos. Por 20 anos ficou a frente da administração do SESI (Serviço Social da Indústria). Voto aberto para cassação de mandatos Pressionado por um grupo de senadores favoráveis ao fim do voto secreto, o presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP), decidiu colocar em votação na semana que vem as PECs (propostas de emenda constitucional) que tramitam na Casa sobre o tema. As propostas determinam o voto aberto para casos de cassação de mandatos de parlamentares.

Não é feriado O dia em questão não é considerado dia útil para fins de operações no mercado financeiro, portanto, os bancos fecham na mencionada data. Os governos federal, estadual e municipal, podem, também, declarar o mencionado dia como ponto facultativo nas repartições públicas. O fato faz com que muitas empresas privadas cogitem a folga, de forma equivocada, uma vez que os feriados nacionais estão expressamente previstos na Lei nº 10.607/2002 e Lei nº 6.802/1980, as quais declaram feriados nacionais os dias 1º de janeiro, 21 de abril, 1º de maio, 7 de setembro, 12 de outubro, 2 de novembro, 15 de novembro e 25 de dezembro. Ponto facultativo O prefeito Roberto Góes, por meio do Decreto Nº 3146, determina ponto facultativo para amanhã, sexta-feira, 08, nas repartições públicas que integram a administração municipal direta e indireta. Considerando que na data 07 de junho é celebrado “Corpus Christi”, evento religioso. Apenas as instituições essenciais, como: Guarda Municipal, agentes de trânsito da Companhia de Trânsito de Macapá e Unidades Básicas de Saúde funcionarão regime de escala. Honorários não devidos Não são devidos honorários advocatícios à Defensoria quando ela atua contra pessoa jurídica de direito público que integra a mesma fazenda pública. A tese, definida em julgamento de recurso repetitivo, foi aplicada pela Quinta Turma do Superior Tribunal de Justiça (STJ) na análise de um caso que envolve o Fundo Único de Previdência Social do Estado do Rio de Janeiro (Rioprevidência) e a Defensoria Pública do Estado. Festa junina O evento cultural que concentra centenas de jovens amapaenses de todo o Estado recebeu na segunda-feira, dia 4, do governo do Estado, o recurso para a realização da festa, a Festa Junina da Beira Rio. O governador Camilo Capiberibe assinou convênio com a Liga Independente dos Grupos e Associações Juninas do Amapá (Ligajap), que é responsável junto com o GEA pela programação oficial dos folguedos da época.


DiaDia

JD

Macapá-AP, quinta e sexta-feira, 07 e 08 de junho de 2012

B4

Editor: Fabrício Costa - fabriciocosta@jdia.com.br

Intervenção no Banco Cruzeiro do Sul não afeta investimentos da Amprev Direção da instituição diz que contribuintes não terão perdas pois os investimentos são independentes

O

diretor-presidente da Amapá Previdência (Amprev), Élcio Ferreira, garantiu na última terça-feira, 5, que os investimentos da entidade no Banco Cruzeiro do Sul não serão afetados pela intervenção do Banco Central do Brasil na instituição bancária. Segundo Ferreira, os fundos de investimentos possuem personalidade jurídica independente e são garantidos pelo Fundo Garantidor de Crédito (FGC) do Banco Central, que mantém posições de R$ 1,1 bilhão no Cruzeiro do Sul. A intervenção foi decretada devido à inconsistência contábil nos balanços da instituição relativos ao mercado de varejo, que inclui contas-correntes, poupança e Certificados de Depósitos Bancários (CDB). “Quero tranquilizar os 27 mil contribuintes da Amprev, pois não haverá nenhuma perda nos investimentos da entidade mantidos no Banco Cruzeiro do Sul”, destacou Élcio Ferreira. Ele explicou que os contratos da Amprev com o Cruzeiro do Sul foram herdados da gestão ante-

rior. Em dezembro de 2010, o instituto previdenciário amapaense matinha R$ 76 milhões investidos no Cruzeiro do Sul. Com a retirada de R$ 30 milhões em 2011, para serem aplicados no Banco do Brasil e Caixa Econômica Federal, os recursos investidos no Cruzeiro do Sul, até abril de 2012, somam R$ 53 milhões, que serão acrescidos de R$ 11 milhões contabilizados no mês de maio. Para tranquilizar os contribuintes da Amprev e seus 130 aposentados e 840 pensionistas, Élcio Ferreira explicou que os fundos de investimentos são regidos pela Resolução 3922 do Conselho Monetário Nacional (CMN) e pela Instrução Normativa 356 da Comissão de Valores Mobiliários (CVM). Desse modo, os recursos aplicados nos fundos de investimentos têm garantia diferenciada do dinheiro que é movimentado em contas-correntes e cadernetas de poupança. Caso Panamericano Um exemplo de como os

recursos investidos pela Amprev independem da saúde financeira dos bancos aconteceu em 2010, quando o Banco Central decretou a intervenção e, posteriormente, a liquidação do Banco Panamericano, que pertencia ao empresário Sílvio Santos. A Amapá Previdência mantinha investimentos no Panamericano, porém, houve um resgate programado dos recursos, que foram reinvestidos em outros bancos. Os resgates dos investimentos da Amprev no Banco Panamericano se deram em dezembro de 2010, dezembro de 2011 e janeiro de 2012, sem qualquer perda para o instituto previdenciário amapaense. Para definir o destino dos investimentos no Banco Cruzeiro do Sul, o Comitê de Investimentos da Amprev se reuniu na tarde da última terça-feira, 5. Formado por representantes do Ministério Público do Amapá, do Tribunal de Justiça do Amapá, do Tribunal de Contas do Estado do Amapá e de dois técnicos da Amprev (a diretora financeira e o diretor de merca-

HEVERTON MENDES

“Quero tranquilizar os 27 mil contribuintes da Amprev, pois não haverá nenhuma perda”, diz Élcio Ferreira

dos), o Comitê de Investimento tem a competência de decidir a aplicação dos recursos previdenciários. O Comitê é eleito pelo Conselho Estadual de Previdência, que possui 16 membros de órgãos públicos, entre os quais dois deputados estaduais. Saúde financeira Ao dissipar os rumores de perdas financeiras decor-

rentes da intervenção do BC no Banco Cruzeiro do Sul, o presidente da Amprev, Élcio Ferreira, enfatizou que a instituição possui R$ 1,605 bilhão aplicados em diversos fundos de investimento. Isso representa um crescimento de 66% no volume de recursos investidos, que era de R$ 1,060 bilhão quando Ferreira assumiu a gestão há um ano e cinco meses.

“Não existe nenhuma possibilidade de perdas ou prejuízos para a Amprev, pois, além de as aplicações serem definidas pelo Comitê de Investimentos, todos os institutos de previdência têm acompanhamento da Auditoria Fiscal do Ministério da Previdência e os balanços são auditados pelos auditores da Fazenda Nacional”, concluiu. (Por Régis Sanches/Sejusp)

Auxílio-acidente pode ter piso de um salário mínimo

O

valor mensal do auxílio-acidente não poderá ser menor que um salário mínimo, se for transformado em lei projeto aprovado ontem na Comissão de Assuntos Sociais (CAS), em decisão terminativa. O auxílio-acidente corresponde a 50% do salário que deu origem ao auxílio-doença do segurado e é pago até a véspera do início da aposentadoria ou até o óbito do segurado. Atualmente, muitos segurados recebem menos do que o piso salarial por esse auxílio, situação considerada inconstitucional pelo autor do projeto (PLS 476/08), senador Paulo Paim (PT-RS). O parlamentar observa que a Constituição Federal “estabelece que nenhum benefício que

substitua o salário de contribuição ou o rendimento do trabalho do segurado terá valor mensal inferior ao salário mínimo”. O relator, senador Cícero Lucena (PSDB-PB), concorda com Paulo Paim.“É claro que o auxílio-acidente substitui a renda (salário de contribuição), pois impede que o segurado desempenhe com completa autonomia sua atividade profissional. E o mínimo de retribuição nestes casos não pode estar em patamar inferior ao do salário-mínimo” argumentou. Cícero Lucena informou que, entre 2005 e 2010, foram registrados no país 3,8 milhões de acidente de trabalho que resultaram na morte de 16,5 mil pessoas e geraram a incapacidade de 74,7 mil trabalhadores. “Estamos

em quarto lugar no mundo em ocorrências desta natureza”, frisou. Ainda de acordo com voto de Cícero Lucena, lido pelo relator ad hoc Cyro Miranda (PSDB-GO), o Ministério da Previdência Social se manifestou contra a aprovação da matéria, por gerar aumento de despesa e pela duração média desses benefícios, em torno de 17,7 anos. Mas Lucena considera esse gasto irrisório (cerca de R$ 31 milhões), em relação à arrecadação da Previdência Social (cerca de R$ 60 bilhões), e não vê motivos de ordem financeira que impeçam a aprovação da proposta. Os senadores da CAS aprovaram duas emendas de redação, apresentadas por Cícero Lucena para aprimorar o texto do projeto. (Agência Senado)

HEVERTON MENDES

Entre 2005 e 2010, foram registrados no país 3,8 milhões de acidente de trabalho que resultaram na morte de 16,5 mil

Apesar da crise na saúde, servidores participam de capacitação

C

om o objetivo de agregar conhecimentos e estratégias que possam contribuir com a formação do servidor e o fortalecimento da administração pública, o governo do Estado, por meio da Escola de Administração Pública (EAP), iniciou o Programa Construindo Sinergia com o GEA, voltado para os servidores que atuam no atendimento na área da Saúde Pública. No primeiro momento, esse Programa, idealizado com o objetivo de melhorar a capacitada de resposta dos órgãos da administração estadual às demandas do cidadão, está beneficiando servidores do Hospital de Emergência e Hospital da Mulher. No total serão seis turmas no período de junho e julho e, ao longo de sua execução, será expandido para servidores do Centro de Reabilitação do Amapá (Creap), Centro de

Referência em Tratamento Natural (CRTN), Centro Odontológico, Centro de Referência em Saúde do Trabalhador (Cerest) e demais servidores da Sesa. Para a técnica em enfermagem, Jeanne Barbosa, essa capacitação servirá como subsídio para sua atuação no Hospital da Mulher. “Aprendi que precisamos olhar para dentro, para nos tornar mais humanos e nos sensibilizarmos com as causas e problemas de saúde das pessoas. Esse curso me ajudou muito em questões pessoais, escolhi ser enfermeira porque gosto de ajudar e para fazer isso da melhor forma aprendi que preciso cuidar de mim e estar bem para prestar socorro aos que necessitam do meu trabalho, do meu conhecimento e da minha atenção”, desabafa. De acordo com a diretora da EAP, Izabel Cambraia, a Escola oferece ao

servidor público a oportunidade de ampliar suas habilidades de comunicação e sua capacidade de trabalhar em equipe, através de um Programa de Capacitação que visa o fortalecimento institucional dos órgãos de governo através da valorização do papel do servidor. “Esse Programa é um convite que fazemos ao servidor público, como estratégia de potencializar suas habilidades técnicas e humanas direcionadas à melhoria do atendimento à população do Estado, que demanda por serviços públicos de qualidade, pois é a essa pessoa que devemos focar o nosso olhar e a nossa ação”, enfatiza a diretora. A essa programação se somará, posteriormente, o curso de Excelência no Atendimento, também dirigido aos servidores da Saúde, visando fortalecer ainda mais sua prática profissional.

DIVULGAÇÃO

A essa programação se somará, posteriormente, o curso de Excelência no Atendimento, também dirigido aos servidores da Saúde, visando fortalecer ainda mais sua prática profissional no estado do Amapá


CadernoC

Esporte Macapá-AP, quinta e sexta-feira, 07 e 08 de junho de 2012

Editor: Pablo Oliveira - pc.oliveira@jdia.com.br

Santos x São José: decisão à vista Ambas as equipes podem chegar a 50% de chance e chegar na decisão do turno se vencerem a partida de hoje Elcio Barbosa

Equipe do Santos está pronta para o confronto de quinta-feira

São José só pensa em garantir vaga para decisão do 1º turno

Elcio Barbosa

Da Reportagem

O

Santos já reforçou o elenco para a partida desta quinta-fei-

ra (7), contra o São José válido pela sexta rodada do Campeonato Estadual. A partida está confirmada para as 20h30 no estádio,

Glicério Marques. Os jogadores, Claudio Baiano e Serginho chegaram à Macapá no final desta semana, e foram logo

participando dos treinamentos junto com a equipe santista para o confronto com o São José. O meia Serginho que também atua como 2º volante, veio do Corinthians alagoano, mas, é conhecido no futebol brasileiro por atuações nos clubes da série A como: Vasco da Gama, Botafogo-RJ, e Atlético-MG. O zagueiro Claudio Baiano também acumula experiência em Campeonatos Brasileiros com atuações no Estado de Sergipe, Juazeiro da Bahia, em Itabaiana, e São Domingos. “A estrutura do clube me surpreendeu, melhor do que muitos clubes da série A, e a minha expectativa é de fazer um bom campeonato, pelo que pude observar o Santos tem uma boa base de jogadores conhecidos, e com tudo para ser campeão”, destacou o meia Serginho. Para o técnico, Flávio Barros, a equipe está quase completa faltando apenas alguns jogadores para

garantir devidas posições em caso de contusões. “Devemos contratar com mais um goleiro, e depois vamos dispensar alguns jogadores para ficar trabalhando um grupo de no máximo 30 jogadores”, disse o treinador que conta hoje com 35 jogadores, sendo que, 5 estão entregues ao departamento médico. O São José está embalado depois da vitória conquistada dentro do estádio, Augusto Antunes frente ao Santana. O São José soma 7 pontos na tabela de classificação, e possui uma vitória amenos que o Santos. Se vencer o

Santos na partida de hoje vai a dez pontos e fica apenas um do líder o Oratório que tem 11 pontos. O Presidente Vicente Cruz disse que está confiante por que um plantel de qualidade. “O importante foi conquistar os três pontos necessários frente ao Santana, estamos focado para o jogo de hoje a noite e será difícil mais nada impossível que o São José possa sair com uma vitória”, falou o confiante, presidente tricolor. O treinador, Jonas Duarte não terá problemas para escalar o plantel para a partida de hoje que começa as 20h30 no estádio Glicério Marques.

Handebol Universitário Amapaense na Final da Liga Elcio Barbosa

Da Reportagem

E

stá confirmada a participação do representante amapaense universitário de Handebol Masculino, na Fase Final da Liga do Desporto Universitário 2012, que acontecerá em Goiânia-GO, no

período de 11 a 16 de junho. O Ceap será a equipe amapaense, pois conseguiu a vaga em Belém do Pará, quando conquistou o vice-campeonato na fase regional Norte/Nordeste de Handebol. Essa competição reúne as oito melhores equipes uni-

versitárias do Brasil, depois da realização das fases regionais Norte/Nordeste e Sul/Sudeste/Centro Oeste. Estarão participando as equipes Universitárias da AESO-PE, Maurício de Nassau-PE, Ceap - AP, UEFFS-BA, Makenzie-SP, UCDB-MS, UCB-DF e UFG-GO. O CEAP treina diaria-

Brasil ganha uma posição no ranking da Fifa; Uruguai é o 2º

O

s últimos resultados da seleção brasileira ajudaram a equipe a subir uma posição no ranking da Fifa, divulgado ontem. Com as vitórias sobre a Dinamarca (3 a 1) e Estados Unidos (4 a 1), o Brasil é o quinto. O Brasil acumula 1.155 pontos. A diferença para a líder Espanha (atual campeã mundial e europeia) é de 301 pontos. Já a distância para o quarto colocado (Holanda) é de 79 pontos, enquanto que para o sexto (Inglaterra) é de apenas dez. Antes da sequência de amistosos (Dinamarca, Estados Unidos e México), a seleção brasileira tinha 1.165 pontos e o último jogo havia sido em 28 de fevereiro, vitória por 2 a 1 contra a Bósnia. O próximo compromisso da seleção brasileira será contra a Argentina, no sábado, nos Estados Unidos, às 16h06 (de Brasília). Uruguai Entre as principais mudanças no ranking, o Uruguai alcançou pela primei-

mente, sob o comando do técnico e professor Ronaldo Cunha. “Nós não paramos os treinamentos após a competição Norte/Nordeste- a equipe esta motivada e consciente de que teremos que enfrentar grandes equipes brasileiras, mas também na certeza de que poderemos sair

com um bom resultado”, enfatizou. A Federação Acadêmica de Desporto do Amapá (Fadap) conseguiu apoio da Secretaria de Estado do Desporto e Lazer (Sedel), através do gestor, Luiz Pingarilho, para a participação do Amapá na competição. “O apoio do Governo

do Estado através da Sedel é fundamental para o sucesso do Esporte Amador no Estado, e estamos certos de que o Governo tem essa consciência, por isso nós treinamos forte para poder representar bem o Amapá lá fora e trazermos bons resultados”, finalizou Ronaldo Cunha.

“Chegou a hora de estrear no campeonato”, alerta Castán sobre derrotas no Brasileiro

DIVULGAÇÃO

DIVULGAÇÃO

Chicharito (14) cobra o pênalti e faz o segundo do México contra o Brasil

ra vez o segundo lugar. A seleção celeste ultrapassou a Alemanha e soma 1.292 pontos. Já Portugal perdeu cinco posições e despencou para o décimo lugar. Outras mudanças no top dez foram as duas posições alcançadas pela Argentina (saltou de nona para sétima), a Inglaterra (sétima para sexta) e Dinamarca (décima para nona). A Espanha continua na liderança e soma 1.456 pontos. Euro Das 16 participantes da Euro, que começa nesta sexta-feira e terá como sedes Polônia e Ucrânia, sete

seleções estão no top dez (Espanha, Alemanha, Holanda, Inglaterra, Croácia, Dinamarca e Portugal). Itália, Rússia, França, Grécia, Suécia e Irlanda estão no top 20. República Tcheca (27ª), Ucrânia (52ª) e Polônia (62ª) completam a lista. Confira as 10 primeiras seleções do ranking: 1. Espanha - 1.456 pontos 2. Uruguai - 1.292 3. Alemanha -1.288 4. Holanda - 1.234 5. Brasil - 1.155 6. Inglaterra - 1.145 7. Argentina - 1.137 8. Croácia - 1.053 9. Dinamarca - 1.019 10. Portugal - 996

Nome de peso no penta em 2011, Castán cobra vitórias neste início de Brasileiro

C

om duas derrotas e nenhum gol marcado nas duas primeiras rodadas do Brasileiro, o Corinthians corre o risco de entrar em campo nesta quinta-feira, contra o Figueirense, na condição de lanterna, caso o Coritiba pontue diante da Portuguesa na noite desta quarta, no Paraná. Apesar de o foco estar na Copa Libertadores, o Timão ligou o sinal de alerta no Nacional. “A gente não pode ficar sem somar pontos. Chegou a hora de estrear no campeonato”, decretou o zagueiro Leandro Castán, após o treino desta quarta. No primeiro jogo, Tite escalou os reservas e o Corinthians perdeu por 1 a 0 para

o Fluminense, no Pacaembu. No segundo, com uma formação mista, já que alguns titulares foram poupados, a equipe alvinegra levou 1 a 0 do Atlético-MG, fora de casa. “Claro que ninguém gosta de perder. A primeira partida foi complicada, perdemos em casa. Dentro de casa tem que vencer, mas jogamos com uma equipe que não está acostumada a jogar junta. O jogo contra o Atlético-MG foi dentro do normal, fora de casa, contra uma equipe forte. Agora a gente volta jogar dentro de casa”, acrescentou o camisa 4. Tite adotará força máxima nesta quinta, às 21 h. O time titular será o seguinte: Cássio, Alessandro, Chicão, Le-

andro Castán e Ramon; Ralf, Paulinho, Danilo e Alex; Jorge Henrique e Emerson Sheik. O único desfalque ocorre na lateral esquerda, pois Fábio Santos cumpre suspensão. O desafio é tirar da cabeça a Libertadores e o Santos, adversário na semifinal nos dias 13 e 20. “A gente está procurando realmente esquecer, só que é difícil. Não adianta querer mentir, dizer que é só apertar o botão e desligar. Mas esse jogo [contra o Figueirense] tem muita coisa que envolve o Santos também, porque dentro de campo, você jogando bem e vencendo, tem confiança, traz moral para a nossa equipe”, observou Castán.


JD

Esporte

Macapá-AP, quinta e sexta-feira, 07 e 08 de junho de 2012

Editor: Pablo Oliveira - pc.oliveira@jdia.com.br

GP do Canadá mostrará real situação da Ferrari, afirma Alonso Piloto espanhol acredita que corrida em Montreal evidenciará o quanto o modelo F2012 evoluiu DIVULGAÇÃO

Fernando Alonso, da Ferrari, no Grande Prêmio de Mônaco na França

F

ernando Alonso acredita que o GP do Canadá deste fim de semana poderá revelar se a Ferrari será competitiva o suficiente para sustentar sua posição de candidata ao título para o restante da

temporada de 2012 da F1. O espanhol mantém uma liderança de três pontos em relação aos pilotos da Red Bull, Sebastian Vettel e Mark Webber, apesar de a Ferrari ter começado a temporada longe do ritmo

dos rivais após testes preparatórios problemáticos. Alonso ganhou o GP da Malásia, disputado com pista molhada, e também subiu ao pódio na Espanha e em Mônaco. A Ferrari admitiu que dois

C2

de seus maiores pontos fracos são a tração e a velocidade final nas retas, fatores que são essenciais para o circuito de Montreal. Assim, Alonso acredita que este fim de semana responderá se a Ferrari evoluiu o modelo F2012 de forma suficiente. “Acho que melhoramos o carro nestes aspectos desde o começo da temporada, mas o GP do Canadá será um bom teste. Espero que neste fim de semana vejamos uma Ferrari competitiva – isso será muito importante para nós, não só por causa desta corrida, mas também para o restante da temporada”, afirmou o piloto. Apesar da cautela, Alonso disse que sua expectativa atual é que a Ferrari ficará feliz com a forma apresentada em Montreal. “É difícil dizer antecipadamente, já que a temporada tem sido muito imprevisível, com al-

Liga de Futebol Americano de Lingerie promete dois jogos no Brasil em 2013 DIVULGAÇÃO

tos e baixos para todos. No entanto, não vejo motivos para que a Ferrari não seja competitiva no Canadá, lutando pelas primeiras posições no final da corrida.” O bicampeão mundial acrescentou que não está se deixando enganar com a liderança na tabela de pontos. Segundo ele, a Ferrari ainda tem o que evoluir na pista. “Liderar o campeonato é só o começo, porque a meta definitiva é estar na ponta da tabela após a última corrida, no Brasil, em novembro”, declarou. “É um campeonato longo e as seis primeiras corridas nos deram pontos para liderar, mas estamos cientes que ainda temos que melhorar. Precisamos evoluir com nosso carro, trabalhar duro, sem cometer erros e de maneira consistente, o que não é das coisas mais fáceis a fazer neste campeonato.”

Dores nas costas tiram Maurren do torneio, e saltadora só volta no Troféu Brasil

A

brasileira Maurren Maggi cancelou sua participação no Campeonato Ibero-Americano de Atletismo, que começa na sexta-feira 8, em Barquisimeto, na Venezuela, em função de dores nas costas. A atleta do salto em distância voltou a sentir uma dor que a incomodou depois da disputa do GP do Rio, no mês passado, prova vencida por ela. Mas, de acordo com o treinador da atleta, Nélio Moura, sua não participação no Ibero-Americano é apenas uma medida preventiva, e ela estará apta para competir novamente no Troféu Brasil, em São Paulo, de 26 de junho a 1º de julho.

Ferrer bate Murray e encara Nadal na semifinal de Roland Garros

S

exto do mundo, o espanhol David Ferrer será o adversário de Rafael Nadal na semifinal de Roland Garros. Ferrer, 30, alcançou às semifinais do Grand Slam francês pela primeira vez na carreira ao derrotar o britânico Andy Murray, quarto do ranking, nesta quarta por 6/4, 6/7 (3-7), 6/3 e 6/2. Foi o quarto encontro entre eles no saibro e o quarto triunfo do espanhol. Na semifinal, porém, Ferrer encara o papel de freguês. Será o 20º confronto com

Nadal, sendo que o hexacampeão de Roland Garros venceu 15. Foram 13 partidas no saibro, sendo que a única vitória de Ferrer aconteceu em 2004, quando Nadal ainda era um adolescente. “Ele [Nadal] é o melhor da história no saibro”, afirmou Ferrer, campeão em Buenos Aires e Acapulco, disputados nesse piso, nesta temporada. Rafael Nadal ainda não cedeu sets na atual campanha em Roland Garros. Nas quartas, derrotou o compatriota Nicolas Almagro.

Armador e pivô dão show de entrosamento, Celtics batem Heat e se aproximam da final DIVULGAÇÃO

Liga de Futebol Americano de Lingerie: jogos em 2013 no Rio e em São Paulo

U

ma das ligas esportivas de maior sucesso nos Estados Unidos deve chegar ao Brasil no ano que vem. Não, a modalidade em questão não é o basquete com a NBA, que há anos negocia uma partida por aqui mas ainda não conseguiu fechar nenhum acordo. A Liga de Futebol Americano de Lingerie (LFL), famosa por mostrar moças de corpo definido jogando futebol americano de calcinha, sutiã e cinta liga confirmou ao UOL Esporte que está negociando a realização de duas partidas no país em 2013. “A América do Sul está no centro dos planos de expansão da LFL. Em 2013, vamos realizar uma turnê com cinco datas pela região com, no mínimo, duas partidas no Brasil, uma em São Paulo, outra no Rio de Janeiro”, afirmou o CEO da LBL, Mitch Mortaza. A ideia de colocar garotas de lingerie jogando futebol americano surgiu

em 2003, quando Mortaza assistia ao Super Bowl da NFL (a grande final do futebol americano nos EUA). Vendo os torcedores deixando as arquibancadas no intervalo, ele imaginou que poderia manter as pessoas sentadas com um jogo feminino. No ano seguinte nasceu o Lingerie Bowl, que fez sucesso tanto pelas mulheres, quanto pelos protestos. Até 2009, o futebol americano de calcinha e sutiã foi apenas um evento de um jogo, transmitido em pay-per-view no intervalo do Super Bowl. A liga, com dez times, nasceu em 2009. Segundo a revista norte-americana Business Week, os primeiros três anos da LBL superaram os ganhos do UFC e do WWE (de luta livre profissional) em suas temporadas iniciais. Apesar da liga não abrir seus números financeiros, os números de expectadores impressionam. Os jogos, realizados em estádios ou ginásios

grandes (o campo de jogo deve ter 45 metros de comprimento, contra 42, por exemplo, de uma quadra de futsal), atraem, em média, 20 mil pessoas. A média de público do Campeonato Brasileiro de futebol no ano passado, como comparação, foi de 14.976 pessoas, segundo a CBF. Esses números fizeram com que a LBL ganhasse o rótulo de única liga profissional feminina dos EUA que realmente cresce. O motivo para isso é a falta de sucesso das outras ligas femininas. Apesar do sucesso dos EUA no futebol, duas ligas femininas já fecharam. No basquete, a WNBA sobrevive graças ao apoio da NBA. “Dois fatores fazem a LBL ter sucesso quando outras ligas femininas não conseguem. Primeiro, somos mais vendáveis do que outros esportes quando mostramos atletas talentosas e bonitas. Segundo, a modalidade é atrativa para uma parcela demográfica

muito grande. Nós temos fãs que não gostam de futebol americano, mas adoram o futebol de lingerie”, resume Mortaza. A chegada ao Brasil, aliás, é parte do crescimento da liga. Em 2012, a LBL não realizou uma temporada, por motivos estratégicos: levou suas melhores jogadoras para um turnê mundial que, na semana passada, realizou duas partidas na Austrália, confirmou a temporada inicial da LBL Canadá, com abertura em agosto, e anunciou a criação de campeonatos na Austrália, em 2013, e na Europa, em 2014, ainda sem times confirmados. Com isso, mais uma vez os brasileiros devem receber um evento. Em 2014, a LBL pretende realizar um World Bowl, reunindo os campeões de cada uma das ligas (EUA, Canadá, Europa e Austrália) em um campeonato em julho. E o local preferido para isso é São Paulo.

Rajon Rondo, armador dos Celtics, foi um dos destaques na vitória

O

Boston Celtics visitou o Miami Heat e bateu a equipe da Flórida por 94 a 90. Com o resultado, o time vencedor abriu 3 a 2 na série, válida pela final da Conferência Leste, e ficou a apenas um triunfo da decisão da NBA. Para vencer, os Celtics contaram com bela atuação do armador Rajon Rondo e do pivô Kevin Garnett. Com um show de pontes aéreas, a dupla mostrou entrosamento e foi fundamental para o time de Boston, que precisou buscar a virada para vencer. O Heat começou melhor, abrindo 30 a 18. No entanto, os Celtics cortaram a diferença ainda no segundo período e, no terceiro, conseguiram o empate por 48 a 48. No último quarto, os Celtics passaram à frente justamente após boa jogada de Garnett. O pivô conseguiu um toco sobre LeBron Ja-

mes e, na sequ��ncia, marcou a cesta que colocou sua equipe na frente por 81 a 80. O lance foi fundamental no triunfo do time de Boston, que segurou a tentativa de reação adversária no fim. Garnett foi o cestinha dos Celtics, com 26 pontos – além de 11 rebotes. Rondo, por sua vez, conseguiu 13 assistências na partida, além de sete pontos. Do lado do Heat, destaque para LeBron James, que deixou a quadra com 30 pontos e 13 rebotes. A partida marcou ainda o retorno de Chris Bosh, que estava machucado, ao Miami Heat. O ala-pivô veio do banco e atuou por apenas 14 minutos, terminando a partida com nove pontos e sete rebotes. O jogo seis da série será disputada na quinta-feira, em Boston. Se vencer, o time da casa garante classificação para a final da NBA.


JD

Atualidades

Macapá-AP, quinta e sexta-feira, 07 e 08 de junho de 2012

Editor: Pablo Oliveira - pc.oliveira@jdia.com.br

Estudos enfatizam controle de efeitos adversos da químio

Análise do seu jogo favorito Yakuza: Dead Souls

Efeitos indesejados ocorrem em cerca de 50% dos pacientes submetidos à químio. Náusea e vômito podem, às vezes, ser controlados

S

e antes o foco da luta contra o câncer era a sobrevivência dos pacientes, outro aspecto da oncologia está ganhando espaço: a busca por qualidade de vida durante e após o tratamento. No encontro anual da Asco (Sociedade Americana de Oncologia Clínica), que ocorre nesta semana em Chicago, especialistas discutiram como melhorar o controle dos efeitos colaterais da quimioterapia, como náusea e dor. O oncologista americano Steven Grunberg, do Fletcher Allen Health Care, falou sobre as falhas de comunicação entre médicos e pacientes. “Nem todos sabemos como os pacientes se sentem. Pesquisas mostram que eles têm mais efeitos colaterais do que seus cuidadores presumem.” Isso ocorre porque ambos querem limitar o número de medicações, porque o paciente não quer ficar reclamando o tempo todo e, o mais impressionante, porque alguns médicos acreditam que a náusea é um sinal de que o tratamento está funcionando, o que não é verdade, de acordo com Grunberg. Outro estudo mostrou que o antipsicótico Zyprexa foi eficaz contra náuseas em pessoas que não respondem aos antieméticos usados para tratar esses sintomas. Os efeitos indesejados ocorrem em cerca de 50% dos pacientes submetidos à químio. Náusea e vômito podem ser controlados, mas de 30% a 40% das pessoas sofrem com o problema mesmo com o uso da medicação. Outra pesquisas apontou, pela primeira vez, que uma droga conseguiu reduzir a

C3

DIVULGAÇÃO

DIVULGAÇÃO

Considerações Colocar zumbis num game (quase) sempre é uma boa ideia, mas o problema de “Yakuza: Dead Souls” não são os mortos-vivos, mas as maneiras de enfrentá-los. Games de tiro nunca foram especialidade dos japoneses e a mecânica de jogo deste “Yakuza” alternativo se revela engessado. Para quem puder suportar essa limitação por vezes irritante, vai encontrar mais um bom enredo e a ambientação mais fiel de um bairro nipônico em um game. Colocando na balança, a série canônica de “Yakuza” é superior em quase tudo. Introdução A série “Yakuza” ocupou um vácuo deixado pelo clássico “Shenmue” e hoje é uma das principais franquias da Sega. A intenção era fazer um game mais adulto, uma estratégia que deu certo, principalmente no Japão. “Dead Souls” é um ponto fora da curva. Primeiro, por fugir do realismo que norteou a série - virou uma história de zumbis. E, depois, por trocar o estilo de jogo: virou praticamente um game de tiro. Foi uma tentativa de mudança, mas esbarrou nos controles. Pontos Positivos • Enredo bem conduzido O roteiro sempre recebeu especial atenção pela Sega e esta tradição está presente em “Dead Souls”. Claro, dado o tema, a história ficou bem menos séria, mas ainda assim dá para espiar os códigos que regem o mundo do crime organizado japonês. Aliás, a série “Yakuza” é a série que melhor retrata um bairro nipônico. Com doses equilibradas de drama e humor, o enredo é um dos pontos altos de “Dead Souls”.

dor neuropática periférica decorrente do tratamento. O remédio (duloxetina) é aprovado para depressão e dor neuropática em diabéticos e diminuiu as dores decorrentes da químio na maioria dos pacientes (59% contra 39% do grupo controle). A dor atinge pés, mãos, braços e pernas e pode dificultar a execução de tarefas rotineiras. Cerca de 40%

dos pacientes sentem esse efeito, que pode durar anos. Terapias alternativas também têm sido testadas contra os efeitos colaterais do tratamento oncológico. Segundo Rebecca Anne Clark-Snow, enfermeira da Universidade do Kansas, 88% dos pacientes oncológicos usam alternativas não medicamentosas, como dietas e práticas reli-

giosas. A enfermeira apresentou um estudo com 576 pacientes mostrando que cápsulas de gengibre são mais eficazes que placebo contra náusea. “Há uma dificuldade em colocar esse tipo de terapia na prática clínica porque faltam evidências robustas”, diz o oncologista Ulisses Nicolau, do Hospital A.C. Camargo.

Riscos da maconha são “subestimados”, dizem especialistas

• Grande variedade de minigames Como os “Yakuza” anteriores, “Dead Souls” junta uma quantidade enorme de minigames - e todas bem integradas ao jogo principal. Tem desde o clássico cassino (e modalidade orientais de jogos de azar) até um minigame de namoro virtual, e muitos deles rendem boas recompensas. Enfim, as chances são grandes de ficar “perdendo tempo” com o tanto de oferta. Além disso, há uma série de missões alternativas e exploração livre para aumentar o tempo de jogo. Pontos Negativos • Mecânica de jogo ruim Os games da série “Yakuza” eram de ação, com combates principalmente de corpo a corpo, mas “Dead Souls” adotou uma mecânica que lembra jogos de tiro em terceira pessoa. O Japão não tem muita tradição nesse estilo e o resultado é algo bem limitado. Há duas formas de mirar: numa delas, aperta-se um botão para fixar a direção, e na outra, a visão fica em primeira pessoa e aparece uma retícula. Mas ela se mexe muito devagar e não deixa o personagem andar. Não fosse a mira automática, seria um jogo quase quebrado. Outro problema é a câmera, que fica desgovernado quando o personagem fica com as costas na parede. • Loadings frequentes Em jogos de mundo aberto, ao menos os ocidentais, a praxe é a ação não parar durante a exploração dos mapas. Algo que não acontece em “Dead Souls” - e em nenhum “Yakuza”. É bem irritante aparecer uma tela de “loading” ao entrar - e sair - de uma minúscula loja. Isso porque o game requer bons minutos de instalação.

Dica de Saúde Remédios para joanetes

Alguém fumando um cigarro de maconha traga quatro vezes mais alcatrão do que com um cigarro de tabaco

E

specialistas alertam que o público perigosamente subestima os riscos de saúde ligados a fumar maconha. A British Lung Foundation realizou um levantamento de 1.000 adultos e constatou que um terço erroneamente acredita que a cannabis não prejudica a saúde. E 88% pensavam incorretamente que cigarros de tabaco seriam mais prejudiciais do que os de maconha - quando um cigarro de maconha traz os mesmos riscos de um maço de cigarros. A British Lung Foundation afirma quer a falta de consciência é “alarmante”. Amplamente utilizado Os números mais recentes mostram que 30% das pessoas entre 16 e 59 anos de idade na Inglaterra e no País de Gales usaram can-

nabis em suas vidas. Um novo relatório do BLF diz que há ligações científicas entre fumar maconha e a ocorrência de tuberculose, bronquite aguda e câncer de pulmão. O uso de cannabis também tem sido associado ao aumento da possibilidade de o usuário desenvolver problemas de saúde mental, como a esquizofrenia. Parte da razão para isso, dizem os especialistas, é que as pessoas, ao fumar maconha, fazem inalações mais profundas e mantêm a fumaça por mais tempo do que quando fumam cigarros de tabaco. Isso significa que alguém fumando um cigarro de maconha traga quatro vezes mais alcatrão do que com um cigarro de tabaco, e cinco vezes mais monóxido de carbono, diz a BLF. A pesquisa descobriu que

particularmente os jovens desconhecem os riscos. “Campanha pública” Quase 40% dos entrevistados com até 35 anos de idade - a faixa etária mais propensa a ter fumado cannabis - acreditam que maconha não é prejudicial. No entanto, cada cigarro de cannabis aumenta suas chances de desenvolver câncer de pulmão para o equivalente aos riscos de quem fuma um pacote inteiro de 20 cigarros de tabaco, a BLF advertiu. A chefe-executiva da BLF, Helena Shovelton, disse: “É alarmante que, enquanto pesquisas continuam a revelar as múltiplas consequências para a saúde do uso de maconha, ainda há uma perigosa falta de sensibilização do público sobre o quão prejudicial esta droga pode ser.” “Este não

é um problema de nicho a cannabis é uma das drogas recreativas mais utilizadas no Reino Unido, já que quase um terço da população afirma ter provado.” “Precisamos, portanto, de uma campanha de saúde pública - à semelhança das que têm ajudado a aumentar a conscientização sobre os perigos de se comer alimentos gordurosos ou fumar tabaco - para finalmente acabar com o mito de que fumar maconha é de algum modo um passatempo seguro.” O relatório do BLF recomenda a adoção de um programa de educação pública para aumentar a conscientização do impacto de fumar maconha e um maior investimento na pesquisa sobre as consequências para a saúde de seu uso.

C

om o ritmo de vida que levamos hoje, indo de um lugar para outro, sem parar, os pés, que passam suas vidas trancados em sapatos, sofrem constantemente. Por isso é comum que ocorram problemas. Vamos ver agora dicas para combater e tratar o joanete. Joanetes são um dos piores inimigos dos pés. Além disso, estima-se que mais de 60% ​​da população sofre joanetes, um problema com um certo componente hereditário. Entre as medidas para combater o joanete encontramos anti-inflamatórios e analgésicos. Esta é uma das alternativas mais imediatas, porque aliviam a dor, é a primeira coisa a fazer. Da mesma forma, podem fazer fisioterapia. Além disso, para combater joanete também pode recorrer à cirurgia. De fato, hoje existem mais de 130 alternativas para remover

joanetes. Não é de surpreender, a cada ano são realizados na Espanha entre 3.000 e 5.000 operações para remover o joanete. Uma das cirurgias que estão crescendo cada vez mais é a cirurgia percutânea, mais rápida, realizada com uma pequena incisão e o resultado estético é mais uniforme. Outras medidas que podem ser tomadas para combater a joanetes é usar um calçado confortável. Ou seja, os saltos têm um lado negativo, empurrando o pé para baixo e apertando o dedão do pé, forçando a figura do joanete. Sapatos com saltos de mais de quatro centímetros não são recomendados para joanetes. Portanto, para combater o joanete deve-se usar sapatos confortáveis, evitar atrito e proteger a área do joanete. Em caso de problemas, é melhor visitar um médico ou pedicuro.


JD

Diversão&Cultura

Macapá-AP, quinta e sexta-feira, 07 e 08 de junho de 2012

Samuel L. Jackson se junta ao elenco do “Robocop” de Padilha Jackson será o magnata da TV Pat no filme que o policial volta da morte

O

ator Samuel L. Jackson vai se juntar ao elenco da refilmagem de “Robocop”, dirigida pelo brasileiro José Padilha. A informação é do site da revista “The Hollywood Reporter”, Segundo o site, Jackson será o magnata da TV Pat Novak no filme, que tem Joel Kinnaman (da série “The Killing”) como o protagonista - o policial Alex Murphy, que é trazido de volta da morte na forma de um ciborgue. Gary Oldman será o cientista que cria o Robocop. As filmagens da produção devem começar em setembro, no Canadá e o lançamento está previsto para o meio de 2013. Jackson atualmente está filmando “Django Livre”, novo filme de Quentin Tarantino. Estreia A Sony Pictures revelou

DIVULGAÇÃO

C4

Editor: Pablo Oliveira - pc.oliveira@jdia.com.br

Celebridades Luana Piovani DIVULGAÇÃO

“Guerra dos Sexos”

Luana Piovani deve agradecer a Jorge Fernando pelo papel de Vânia Trabuco no remake de “Guerra dos Sexos” (Globo). Foi o diretor que bateu o pé e insistiu no nome da atriz para o papel, que quase foi de Alinne Moraes. A mãe de Dom fará par romântico com Eriberto Leão, com quem terá várias cenas românticas no folhetim.

Kelly Clarkson FOTOS DIVULGAÇÃO

Jackson atualmente está filmando Django Livre, de Quentin Tarantino

nesta sexta-feira (9) que o novo filme de Robocop com direção de José Padilha chegará aos cinemas no dia 9 de agosto de 2013. O estúdio também disse que a animação “Cloudy 2: Revenge of the Leftovers” chega aos cinemas em agosto

do mesmo ano. Longa O diretor de dos dois filmes da série “Tropa de Elite” afirmou que o longa vai se concentrar no período entre o policial Alex Murphy ser baleado e quase morrer e se tornar o

RoboCop. No original, de 1987, um policial de Detroit morto em serviço é escolhido para inaugurar um projeto de construção de um ciborgue combatente do crime. O ator sueco Joel Kinnaman foi escolhido para interpretar o policial robótico.

Silvio Santos lança o concurso “as mais belas pernas do Brasil”

Perde 14 quilos

Crystal Harris, a ex-noiva de Hugh Hefner, confirmou pelo Twitter que os dois realmente voltaram. Na semana passada uma fonte disse ao site “Radar Online” que ela tinha voltado a morar na mansão do fundador da “Playboy”. “Sim, Hugh Hefner e estamos juntos novamente”, escreveu Harris, 26. “Sim eu sou sua garota número 1 de novo. Sim, estamos felizes. Espero que isso esclareca qualquer confusão!”

Miley Cyrus e Liam Hemsworth

Estão noivos

DIVULGAÇÃO

Miley Cyrus, 19, está noiva do ator Liam Hemsworth, seus representantes confirmaram à revista “People”. “Estou tão feliz de estar noiva e estou ansiosa por uma vida de felicidade com Liam”, disse ela à revista. Entre idas e vindas, a cantora e o ator de “Jogos Vorazes” estão juntos há três anos. Marcelo Carvalho, Silvio Santos e Luciana Gimenez gravam no SBT

N

o próximo dia 17, o “Programa Silvio Santos” estreia o quadro “As mais belas pernas do Brasil”. Todas as semanas, candidatas entrarão no palco durante o programa do patrão e exibirão as pernocas. O detalhe é que elas só exibirão as pernocas. A candidata estará, na verdade, fantasiada de avestruz só com

as pernas de fora. A inscrição vai ser aberta no site da emissora. Serão seis candidatas a cada concurso. A escolha será feita pela plateia a cada programa. O primeiro concurso foi gravado por Silvio nesta segunda-feira, no Complexo Anhanguera. A vencedora ganhará R$ 1.000 e a segunda, R$ 500.

Drew Barrymore diz que o dia do seu casamento foi perfeito

A

atriz Drew Barrymore, 37, falou à revista “People” sobre seu casamento com Will Kopelman, no último sábado. “O dia foi perfeito. Todos que amamos e nos importamos estavam lá. Foi tão divertido e significativo como esperávamos”, contou. A cerimônia para 200 pessoas aconteceu no jardim da mansão da atriz em Montecito, Califórnia. Tanto

ela quanto Kopelman usaram roupas Chanel. Drew, que está grávida do primeiro filho, queria se casar antes de dar à luz.

Resumo das Novelas Malhação Gabriel vai atrás de Alexia no aeroporto. Natália conta que Alexia foi para a casa dos pais e Cristal comemora. Bertoni concorda que Gabriel seja o protagonista do seriado. Timtim aceita namorar Kiko e ele comemora. Aparecida aconselha Rose a denunciar Moisés. Moisés fala para Cristal que a ajudará a se casar com Gabriel caso ela traga Alexia de volta. Gabriel ouve a mensagem de Alexia e fica arrasado. Cristal troca a barriga falsa por uma maior do que a que estava usando.

Amor Eterno Amor Rodrigo ampara Elisa, que afirma sentir que esteve presente no momento em que o quadro foi pintado. Verbena ganha permissão para se encontrar com Rodrigo. Henrique tenta seduzir Laura. Clara garante a Miriam que Elisa não fará Rodrigo feliz. Cris, Gabi e Tati se arrumam para o show de rock. Jáqui vê Cris fotografar Kléber e descobre o plano da jovem de seduzir seu marido. Gracinha aceita ir ao show com Jair, depois de ouvir Pedro combinar com Priscila.

Cheias de Charme Liara cruza com Rodinei e os dois discutem. Sonia chega à Galerie com Liara, Isadora e Ariela e encontra a loja toda grafitada. Elano avisa a Lygia que o escritório está envolvido em um escândalo de compra de ações e sugere que Conrado seja o culpado. Socorro serve a comida do bufê para Chayene e ela acredita que encontrou uma comida melhor que a de Rosário. O celular de Máslova explode e ela se queixa com Naldo. Rodinei fica sabendo que seu grafite acabou ajudando a Galerie e visita a loja.

Avenida Brasil Jorginho revela que Carminha é sua mãe biológica, mas Tufão não acredita. Jimmy paga a fiança de Cadinho. Noêmia corta as roupas de Cadinho e o expulsa de casa. Monalisa afirma que não adiará o casamento com Silas. Débora conforta Jorginho. Nina tenta disfarçar o prazer ao ver a tristeza de Carminha. Leleco diz a Tufão que acredita que Carminha seja a mãe biológica de Jorginho. Verônica também expulsa Cadinho de casa. Tufão diz a Nina que conversará com Lucinda. Tufão chega à casa de Lucinda.

Horóscopo Áries (21 mar. a 20 abr.) Marte em aspecto tenso a Vênus e ao Sol sinaliza impaciência prejudicial a seus interesses tanto financeiros, quanto sociais e amorosos. Cuidado para não tomar como provocação pessoal um fato inesperado ligado a chefes e superiores.

Libra (23 set. a 22 out.) Busca por explicações, variedade e mais liberdade de movimento é tolhida por demandas menores, correções urgentes de tarefas etc. Isso exaspera você. Pouco tempo para o espírito devido a requisitações de ordem pratica.

Touro (21 abr. a 20 mai.) Para enfrentar um dia de astral oscilante e pouco amigável, evite se encher de compromissos - nem faça promessas, confissões ou demonstre duvidas.. Guarde-as para outro momento, quando encontrará receptividade e ajuda. Amor em baixa.

Escorpião (23 out. a 21 nov.) Veja bem onde é que você está se metendo ao aderir entusiasticamente a projetos com amigos; certa discussão é benvinda, quem sabe seja a hora de pontuar até onde vai sua participação? Ajuda a filhos, familiares em alta.

Gêmeos (21 mai. a 20 jun.) Vênus e Sol em seu signo em aspecto ainda poderoso indicam oportunidade de dar novo curso a vida amorosa. Reciclar e redefinir alvos, interesses e objetivos em comum faz parte do momento. Redescubra seu valor. Decisões repensadas. Câncer (21 jun. a 21 jul.) Ainda vivemos o clima de polarização típico da cheia lunar, que desta vez ressaltou crises de direção, de ética e de objetivos, tanto coletivamente quanto para você, em sua vida. Nesta 4ª feira, faça uma pausa pra respirar. Afetividade instável. Leão (22 jul. a 22 ago.) Aspectos planetários dissonantes afetam diretamente sua casa astral das finanças, abalando seu poder de gerar riqueza ou mante-la. Você tem de se manter forte e confiante, e evitar gastos impulsivos. Amigos atrapalham planos. Virgem (23 ago. a 22 set.)

Em clima astral conturbado, embora rico de possibilidades, sua missão hoje é abrir caminho pessoal sem fazer muitos inimigos ou pisar em calos perigosos. Para isso, modere suas reações às diferenças humanas. Pragmatismo corrosivo.

Sagitário (22 nov. a 21 dez.) Nada suave o astral de hoje, ainda bem que você excede em espírito esportivo e otimismo. Com um pouquinho de tato mostre aos colegas de trabalho que sabe incorporar suas contribuições. Sucesso pessoal alinhado ao coletivo. Capricórnio (22 dez. a 20 jan.) Sensibilidade a flor da pele com Lua em seu signo! As emoções se acentuam, tudo é motivo de apreensão, suas respostas podem ser fortes demais aos eventos cotidianos. Preserve-se e proteja-se, cuidando de seus assuntos privados. Aquário (21 jan. a 19 fev.) Vênus e Marte em ângulo difícil pedem cuidado ao lidar com afetos, especialmente com colegas de trabalho. Um emperramento geral no setor profissional é esperado agora. Você não pode arremeter contra, pois seria inútil. Respire fundo. Peixes (20 fev. a 20 mar.) É bom ter esperanças quando elas são baseadas na lógica e na realidade - este é um ponto crucial de hoje, serve de baliza para suas duvidas com planejamento, sociedades e amigos envolvidos nisso. Mudança de planos, esteja aberto a isso.


Jornal do Dia 07/06/2012