Page 1

Macapá-AP, Sábado, 04 de Maio de 2013 - Ano XXVI AGÊNCIA AMAPÁ

* Fundado em 04 de Fevereiro de 1987

•Domingo e Segunda R$ 2,50 •Terça a Sábado R$ 1,50

PROPOSTA DO SETAP

Tarifa pode sofrer reajuste e passagem deve custar R$ 2,69 Governador: nova proposta para a AL

O Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros do Amapá (Setap) protocolou ontem (3), junto a Companhia de Trânsito e Transpor-

te de Macapá (CTMac) um requerimento de reajuste da tarifa urbana. A tarifa não é atualizada desde agosto de 2011, portanto há um ano e nove

meses. O Setap aponta a tarifa de R$ 2,69 como justa e adequada. A CTMac ainda não se posicionou quanto a proposta. nB2

DIVULGAÇÃO

ALTERNATIVA

ATÉ O DIA 27

Camilo tenta contornar greve com reajuste de 7,13%

Pequenos municípios devem se adequar à Lei da Transparência

Camilo alega que está concedendo a todos os servidores efetivos do Amapá 7,13%, blindando assim, os salários de toda e qualquer perda inflacionária do período. nB1

NO MERCADO

Festival gastronômico destaca culinária amapaense

Empresários dizem que 74 ônibus novos foram incorporados à frota, algo que justificaria o reajuste cobrado

Termina no próximo dia 27 o prazo para que os municípios com menos de 50 mil habitantes atendam às exigências da Lei da Transparência. A lei determina a publicação, em meio eletrônico de acesso público, das informações sobre a execução orçamentária. nB3

DIVULGAÇÃO

DOCUMENTOS FALSOS

AGÊNCIA CÂMARA

Sede do Ibama no Amapá vira alvo da Operação Impacto da Polícia Federal Festival: variedade culinária

A 8ª edição do Festival Brasil Sabor iniciou quinta (2) e prossegue até o dia 19, em todo Brasil. Em Macapá, a abertura do festival aconteceu na área externa do Mercado Central, com a participação de 16 restaurantes. nC3

De acordo com informações da assessoria de comunicação da PF, após receber denúncia de que um servidor do IBAMA estaria fabricando e vendendo Documen-

tos de Origem Florestal (DOFs) – obrigatórios para a comercialização de madeiras –, a polícia deu início às investigações, que duraram cerca de um ano. nB4 DIVULGAÇÃO

Casal Selminha Sorriso e Claudinho de Souza estão no Amapá falando sobre as técnicas cariocas do samba

EM MACAPÁ

Carnavalescos do Rio ministram curso para escolas de samba

ESPORTE

Comel estima mais de 5.275 jovens no Interdistrital nC2 Atendendo a uma determinação federal, os agentes cumpriram mandados de buscas e apreensão no órgão CELIANE FREITAS

Na manhã de ontem (3), a Universidade do Samba Boêmios do Laguinho promoveu o workshop ministrado pelo 1º casal de Mestre Sala e Porta Bandeira da Beija Flor de Nilópolis do Rio de Janeiro. O evento segue neste sábado (4) e vai até amanhã (5). nC1

SEM CONDIÇÕES

Servidores da Fcria cobram melhores condições de trabalho

Categoria cruzou os braços após a tentativa de fuga de quatro adolescentes

Servidores da Fundação da Criança e do Adolescente (FCRIA), que compõem o Sindicato do Grupo Sócio Educativo de Proteção, iniciaram ontem, 3, protesto em frente ao Centro Socioeducativo de Internação (Cesein). Os funcionários cobram mais segurança, melhores condições de trabalho e denunciam constantes agressões praticadas por menores dentro das instituições. nB3

NA INTERNET www.jdia.com.br - REDAÇÃO 3217.1117 - COMERCIAL jdcomercial@jdia.com.br 3217.1100 - DISTRIBUIÇÃO 3217.1111 - ATENDIMENTO 3217.1110


JD

Poucas & Boas

• PROFESSORES já de-

cidiram pela greve. Deram alguns dias para o início da greve, esperando que o GEA abra negociações. Até o momento não aconteceu nada de diálogo. Então? Alunos se preparem para perder as férias de julho mais uma vez. Já virou até novela e acaba mudando todo o calendário escolar. Ouvidos de mercador? Pobre educação! • DEFLAGRADA a greve dos professores prevista para a semana que vem. A situação ainda vai ficar mais complicada para as reposições das aulas. É que este ano, de 15 de junho a 15 de julho estará sendo disputado o torneio de futebol internacional Copa das Confederações. Assim, a pátria de chuteira deve “feriar” nos dias dos jogos do Brasil.

• A CRISE em Macapá é

grande. Dinheiro não circula e empresários amargam enormes prejuízos. Dizem que isso é só o inicio, ficamos imaginando quando a crise chegar de vez. O pior é que não está longe. Dizem os entendidos que até ela chegar por aqui, Macapá já sumiu pois não temos fôlego para tanto!

• OS TELEFONES da

Vivo continuam caindo as ligações todo momento. Muita gente também reclamando que os créditos que se coloca não dura pelo menos uma ligação de 5 minutos, com a palavra a ANATEL.

• O NÚMERO que a Vivo

indica para o usuário entrar em contato,* 8486, diz tantas palavras bonitas e que inclusive estão gravando, porém te deixa

Opinião

esperando e não atendem. Que pais é esse em que moramos, respeito zero com o usuário.

• A RECLAMAÇÃO é

grande em relação aos preços dos alimentos. O choro é geral. Nos supermercados, tudo aumentou e muito. Porém agora o consumidor é diferente. Está caro? Não leva, se é perecível acaba estragando......

• PREFEITO de Porto

Grande, Tonho do Matapí, agora ex-agricultor, esnobou o esforço que o SEBRAE fez para proferir curso para os homens do campo daquele município no último final de semana. Não foi e nem mandou nenhum representante para o evento.

• GRUPO Ápice, que reú-

ne as concessionárias de automóveis no Amapá

das marcas Fiat, Ford, Honda, Renault, Nissan e Hotel Ibis, reúne diretores, gerentes e demais colaboradores e colaboradoras na Associação Nossa Gente, na Rodovia JK, hoje pela manhã, para a tradicional comemoração ao dia do trabalhador, com direito a feijoada, torneios desportivos, concursos de dança e pagode.

• GANHA uma cuia bem

cheia de açaí sangue grosso, daquela só experimentada por quem pode acompanhá-lo com camarão rosa e picanha na chapa, quem adivinhar quantos assaltos já ocorreram no Meio do Mundo nos últimos 37 meses. Uma dica: em média 37 meses são 1.110 dias. Basta multiplicar por 10 e terão os resultados, sendo auditado pelo radialista João Bolero, cujas estatísticas não tem o reconhecimento oficial, mas, grande credibilidade perante a imprensa e a população.

Penalização da educação e do conhecimento EDINHO DUARTE

deputado estadual

E

ntendo que ninguém está satisfeito com os acontecimentos que foram registrados desde a sexta-feira passada, quando os deputados, no seu mais legítimo e importante papel, decidiram por aprovar um projeto de lei, de iniciativa do Executivo, e que punha regras novas na definição dos vencimentos dos professores. Ora, toda vez que uma questão não agrada uma pessoa ou uma categoria, é legítimo o posicionamento para que os eventuais prejuízos sejam recuperados, não necessariamente, voltando à condição anterior, mas se valendo a inteligência, para que ninguém fique, agora e no futuro, com problemas pendentes para resolver. Já naquela sexta-feira, no dia da aprovação do projeto, não foram deixadas dúvidas de que haveria dificuldades para se restabelecer o necessário entendimento, entre o governo e os professores, situação que exigia muito diálogo e muita conversa,

para que não houvesse mal feitos irreparáveis tanto de um lado como o de outro. Não adianta aqui, ou em qualquer lugar, se pretender, com suposições ou simulações, tentar resolver uma questão séria como essa, sem renovar a leitura e atualizar todas as consequências que adviriam, no caso de tentar manter a estratégia anterior, que não deu certo até agora e que, nesse momento, com outras variáveis importantes influindo no entendimento, teria muitas dificuldades para ser entendida e muito mais para se impor. O resultado que foi alcançado com os ovos na Assembleia Legislativa já indicava que era preciso baixar a guarda, especular mais sobre o tema e, dependendo do plano aprovado, seguir para recuperar as perdas e consolidar os ganhos. Com o registro de reações confrontantes dos dois, ou dos três lados, que se formaram então o problema do relaciona-

mento entre os patrões e empregados se agravava a cada palavra e a cada discurso. O clima ficou adequado e favorável para quem defende a tese que paga dez para não entrar em um briga, mas que, uma vez dentro, para mil para não sair. Apesar desse não ser o lema da maioria dos professore, dos gestores mais sensatos do Governo e, certamente, dos deputados, era de se esperar que, conforme o uso do lema poderia os minoritários prevalecer. Como espectador os alunos e os pais de alunos, percebiam as diversas movimentações e ainda, as posições das autoridades da Educação, querendo passar a imagem de que tudo estava tranquilo e sob o controle da Secretaria. Bastou a aparição pública do governador para que fossem registrados fatos que nada têm a ver com a demonstração de controle que imaginava estar sendo exercida pela direção da Secretária de Estado da Educação. E quis o destino que o confronto se desse no

ambiente de um dos maiores símbolos da conquista do conhecimento e da educação do Amapá – a Universidade Estadual do Amapá, a UEAP. Uma falha incrível de logística do Gabinete do Governador o colocou no confronto que nem ele e nem os professores desejavam: e aconteceu o que era muito provável. Um risco muito grande, não para quem está eventualmente no cargo de Governador do Estado, mas para o próprio cargo, que precisa ser preservado com toda a sua integridade, para que não se inicie, a partir dele, qualquer situação que possa deixá-lo contra a sociedade ou contra os interesses do Estado. Depois dos ovos no Setentrião, o Boletim de Ocorrência no CIOSP do Pacoval, os manifestos de organizações políticas e sociais, a favor de um e de outro, surgiram no meio, problema novos e a certeza de que ainda não foi encontrado o caminho da paz que todos estão querendo, para que a Educação e o Conhecimento não sejam mais penalizados do que já foram.

Uma publicação do Jornal do Dia Publicidade Ltda. CNPJ 34.939.496/0001-85 Fundado em 4 de fevereiro de 1987 por Otaciano Bento Pereira(+1917-2006) e Irene Pereira(+1923-2011) Primeiro Presidente Júlio Maria Pinto Pereira(+1954-1994)

Diretor Executivo: Marcelo Ignacio da Roza Diretora Corporativa: Lúcia Thereza Pereira Ghammachi Assessoria Jurídica e Tributária: Américo Diniz (OAB/AP 194) Eduardo Tavares (OAB/AP 27421) Editor-Chefe: Janderson Cantanhede Gerente Comercial: Andrew Gustavo Cavalcante dos Santos CONSELHO EDITORIAL Presidente: Aldenor Benjamim dos Santos

Secretário Executivo: Marcelo Ignacio da Roza

Conselheiros: Carlos Augusto Tork de Oliveira

José Arcângelo Pinto Pereira

Danieli Amanajás Scapin

Luiz Alberto Pinto Pereira

Janderson Carlos Nogueira Cantanhede

Maria Inerine Pinto Pereira

Índice

Opinião - A2 Geral - A3, Geral - A4 Cidade - B1

Cidade - B2 Geral - B3 Polícia - B4 Geral - C1

Endereços Redação, Administração, Publicidade e Oficinas: Rua Mato Grosso, 296, Pacoval, Macapá (AP) - CEP 68908-350 - Tel.: (96) 3217.1110 E-mails pautas e contato com a redação: jornaldodia@jdia.com.br Editor-Chefe: cantanhede@jdia.com.br departamento comercial: jdcomercial@jdia.com.br comercialjd.2011@gmail.com mariaruth@jdia.com.br JD na Internet: www.jdia.com.br VIA CELULAR: m.jdia.com.br Representante comercial Grupo Pereira de Souza – GPS Matriz - Rio de Janeiro/RJ - Tel.: (21) 2544.3070; Brasília/DF - Tel.: (61) 3226.6601; São Paulo/SP - Tel.: (11) 3259.6111; Belém/PA Tel.: (91) 3244.4722 Contatos Fale com a redação (96) 3217-1117 Fale com o departamento comercial (96) 3217-1100 / 3217-1111 Geral (96) 3217-1110 Conceitos emitidos em colunas e artigos são de responsabilidade de seus autores e nem sempre refletem a opinião deste jornal. Os originais não são devolvidos, ainda que não publicados. Proibida a reprodução de matérias, fotos ou outras artes, total ou parcialmente, sem autorização prévia por escrito da empresa editora.

Esporte - C2 Diversão&Cultura - C3 Social - C4 Classidia - 08 Pág

Edição número

8192

Macapá-AP, sábado, 04 de maio de 2013

A2

Editor: Janderson Cantanhede - cantanhede@jdia.com.br

ESPLANADA POR LEANDRO MAZZINI Jornalista

Twitter @leandromazzini

O PAÍS DA (UM)BANDA LARGA

N

o país em que o 3G é privilégio, a Anatel, cobrada pelo governo por resultados às vésperas da Copa das Confederações, instalou atrás de sua sede em Brasília um caminhão link na tentativa de captar o famigerado sinal 4G de internet, que ninguém viu ainda. Procurada, a assessoria da agência limitou-se a responder que seria um teste da TIM, e silenciou depois. O caso remete à piada pronta: No Brasil existe a umbanda larga. Só na reza forte para a internet funcionar bem.

Na porta

O caminhão contratado é da RF solutions, conhecida empresa de tecnologia que tem até as Forças Armadas como clientes.

Ex-aliados

Não chamem para o mesmo evento Gabriel Chalita e José Serra. Já se gostam tanto como Lula e Fernando Henrique.

Alô, alô.. CPI

Já é consenso entre deputados: se o lobby das operadoras não convencer, sai a CPI das Telefônicas. Os abusos de Oi, VIVO, TIM, Claro, etc são constantes e diários.

Tabu

Crescem esforços para tentar derrubar o tabu da redução da maioridade penal, diante de sucessivos e ininterruptos crimes cometidos por menores, e conscientes da impunidade. Tramita desde 2007 na Câmara a PEC 73, que propõe revisão no Código Penal dando ao magistrado poder de avaliar caso a caso pelo tamanho do dano, não da idade.

Sem cafuné

‘O jovem não será mais avaliado simplesmente pela idade, mas sim, pelo tamanho do dano que ele causou, e, se tinha consciência do que estava fazendo’, diz o autor, deputado federal Alfredo Kaefer (PSDB-PR).

Tela vazia

Em uma demonstração de total transparência do Senado, uma câmara da TV Senado, posicionada atrás da mesa, captava imagem do plenário vazio ontem, inclusive a mesa. A sessão não deliberativa foi encerrada às 16h24.

Cena

Uma cena não muito rara: dois senadores revezando nas telas. Roberto Requião (PMDB-PR) sentou-se à Presidência. Para ouvir Mozarildo Cavalcante (PTB-PR).

Estratégia

O Congresso começa a desconfiar do que o povo já sabe. Faltam poucas manobras para que ninguém seja preso este ano e mensaleiros cuspirem na cara da Suprema Corte.

Escárnio

Para o senador Simon, o pedido de afastamento do ministro Barbosa da relatoria dos recursos é tiro certeiro na sentença. “O novo relator levaria um ano para ler as 10 mil páginas. Haverá briga tríplice entre o novo relator, o revisor e o presidente”.

Nem tanto

Em história mal contada, notícia vira meia verdade. Lula não será colunista do The New York Times. Coube ao próprio jornalão explicar: ele escreverá coluna para a agência de notícias do NYT, que

oferecerá a outros jornais. Compra e divulga quem quiser.

Chamada..

Num cochilo do governo, Cyro Miranda (PSDB-GO), presidente da Comissão de Educação do Senado, colocou em votação o projeto terminativo que exige pós-graduação dos professores para ingresso nas universidades.

..e bronca

Sem conseguir interromper a votação com um pedido de vista, a senadora Ana Rita (PT-ES) reclamou da rapidez do processo. Cyro foi taxativo: ‘Estamos há 6 semanas sem votar um único item terminativo, porque o governo não comparece’.

Os censuradores

Repórteres sem Fronteiras divulgam hoje lista de 39 autoridades, ditadores, facções religiosas e milícias que são considerados perigo à liberdade de expressão.

Lista do mal

Entram na lista deste ano o novo presidente da China, Xi Jinping, o grupo jihadista sírio Jabhat Al-Nosra, Irmãos Muçulmanos do Egipto, e dois grupos extremistas do Oriente.

Ponto Final

Isso sim é um crime por amor: jovem furta banco em SP só para ser preso e rever o pai na cadeia.

Com Marcos Seabra, Maurício Nogueira e Adelina Vasconcelos

www.colunaesplanada.com.br LM Comunicação Coluna Esplanada contato@colunaesplanada.com.br Caixa Postal 1980 – CEP 70254-970 – Brasília-DF


JD

“ ”

Opinião

Entre Aspas

JANDERSON CANTANHEDE Jornalista

Tenso - Quem passou

pela sede do Sinsepeap (Sindicato dos Professores), na Rodovia JK, no último feriadão, ficou assustado com a quantidade de veículos e a participação maciça dos professores que decidiram por mais uma greve da educação. Se não conseguiram nem fechar o calendário de 2012, imaginem como vai ficar agora...

Porta voz – Depois de

batido o martelo sobre a greve, o governador Camilo preferiu não se manifestar. Em seu lugar, o senador João Capiberibe (PSB) foi para as rádios ontem pela manhã defender o posicionamento do filho. E já adiantou: “não vamos mais sentar com os professores”.

Agressão – O tumulto

ocorrido na semana passada entre professores e o governador Camilo deixou a família do Setentrião receosa. Pode até soar como desculpa esfarrapada para não olhar novamente para a cara dos sindicalistas, porém, os Capiberibes têm lá suas razões para colocar (por enquanto) um ponto final nas negociações. Como indagou

João Capiberibe: “quem me garante que não vamos ser agredidos na reunião?”. Eu respondo, senador: seus trocentos seguranças.

Disputa –1.173 advoga-

dos escolhem hoje o presidente da OAB Amapá. Na disputa estão o advogado Narson Galeno substituindo Alessandro Brito e do outro lado Paulo Campelo que foi retirado da presidência por abuso do poder econômico nas eleições ocorridas em novembro do ano passado.

Obrigatório - Vale res-

saltar que a votação é obrigatória. Quem não for, terá que pagar multa de 20% sobre a anuidade, algo em torno de R$ 120.

Complexo Regulador do Samu, no bairro Pacoval. A área depois de capinada e com um tapume novo, serviu de festa para técnicos e assessores do governo estadual. Agora é esperar as promessas se tornarem realidade.

MP versus AL – Os procuradores federais abriram fogo novamente contra a Assembleia Legislativa. Agora, o algo das denúncias envolvendo lei que cria cargos comissionados. Com a proximidade das eleições, em agosto de 2012, há um salto para 2.214 comissio-

nados contratados. O número supera em quase dez vezes a quantidade de servidores efetivos: 233.

PEC 111 – Outro emba-

te ocorrido foi entre o deputado Bala Rocha e um sindicalista que o acusou de estar sendo contra a Proposta de Emenda à Constituição que dá um basta às idas e vindas envolvendo os servidores do ex-território federal do Amapá. Bala considerou irresponsável a declaração que afirmou que ele tentava obstruir ou prejudicar a votação da proposta de autoria da deputada Dalva Figueiredo (PT).No próximo dia 15, a PEC 111 deve ser aprovada em 2º turno, e seguir para o Senado Federal.

Siga: @cantanhede_AP Email: cantanhede@jhotmail.com Blog: jandersoncantanhede.wordpress.com

Só tem aqui - Tem coi-

sas que só acontecem em Macapá. Quer um exemplo? Aqui o governo do Estado adora comemorar o início (e não a conclusão) das obras públicas. Assim é mais fácil. Nunca se sabe quando serão concluídas ou se vão ser entregues à comunidade. ceu semana passada, com o lançamento da obra do

A procura da ilha da paz

A

Jornalista rodolfojuares@gmail.com

crise instalada e que prejudica a relação entre os professores da rede estadual de ensino e o Governo do Estado é mais um dos resultados das disputas que começaram em 2011, se estenderam por 2012 e tiveram o seu

ponto mais crítico na última segunda-feira, dia 29 de abril. Desta feita os pais de aluno, ao que tudo indica, não estão dispostos a ficarem alheio àquelas disputas que já determinou os maiores prejudicados - os alunos. Essa nova posição desses terceiros interessados ou terceiros prejudicados pode ser decisiva para que patrões e empregados encontre um caminho que possa levar ao

que interessa a todos e não apenas ao governo ou ao sindicato. Algumas escolas, em que pese ser dirigidas por diretores que têm sob o pescoço o facão da intolerância em nome da fidelidade partidária, conseguiram organizar-se

antecipadamente e definir que, em caso de ser decretada a greve, ter os instrumentos legais e morais para não aderir. Pelo que já foi posto são várias as escolas que estão preparadas para assumir essa postura, muito mais pelo que foi acertado com a comunidade escolar, a associação de pais e mestre e os professores e muito menos por qualquer contribuição oficial ou liberação sindical.

A3

Editor: Túlio Pantoja - tuliopantoja@jdia.com.br

Dia-Dia

É preciso esclarecer

Uma eleição na Ordem dos advogados do Brasil (OAB) costuma sempre atrair muita atenção da imprensa, em qualquer lugar do Brasil. Isso porque, ao longo de sua história, mais do que uma entidade de classe, a OAB se consagrou como uma instituição sintonizada com os mais nobres ideais democráticos e libertários da sociedade brasileira. Por isso, acompanhar uma eleição da Ordem é uma pauta interessante para a imprensa, pois um dirigente da OAB normalmente se transforma em um agente de defesa de interesses da coletividade. Infelizmente, porém, as eleições da OAB tem sido cada vez mais contaminadas por aspectos negativos, que costumam macular as instituições da sociedade brasileira de modo geral, com denúncias de irregularidades de toda monta. No Amapá, a presente eleição da Ordem – com seus lamentáveis episódios de compra de votos - é um exemplo dessa contaminação, que acaba por jogar a OAB/AP numa preocupante vala comum, Portanto, uma missão inarredável que a nova diretoria da OAB, seja ela qual for (pois a eleição ainda não estava definida, quando este editorial foi escrito), terá pela frente, é esclarecer de forma cabal as denúncias que cercaram o presente processo eleitoral. Sem isso, a OAB/AP não terá condições morais de ser porta-voz de causas coletivas no Amapá, pois terá perdido o compasso com sua história até aqui exemplar.

Hora-Hora

Exemplo - Isso aconte-

RODOLFO JUAREZ

Macapá-AP, sábado, 04 de maio de 2013

O que se percebe é que nessas escolas os alunos e os próprios professores estão respirando uma espécie de liberdade conquistada por sentir-se fora do alcance da guerra de palavras e de falta de argumentos que poderia levar a prevalência da tese da negociação e do entendimento. É certo que todos concordam que a educação

que está sob a responsabilidade do governo do Estado não passa por um momento que seja digno de elogio, mas também, nem os professores e nem os alunos suportam tantos erros e tantos mal entendidos que deixaram desequilibrado tudo o que se refere à educação, principalmente no ambiente em que é ministrado o ensino médio. Também que não venha a secretária de educação querendo citar

como exemplos as decisões desses professores, pais de alunos, alunos e diretores, pois aquelas decisões só não foram autônomas porque foram tomadas em conjunto com alguns agentes da comunidade que pouco tem a ver com o sistema educacional, a não ser pelo uso que fazem dele para que seus filhos recebam o ensino que é oferecido. Outros que precisam deixar os professores trabalhar são os dirigentes dos sindicatos, pois a regra vigente os impede que se interfira na vontade daqueles profissionais que entendem diferente do que pensam os dirigentes dos sindicatos. É possível até, que desse exercício saia a proposta que a sociedade está esperando e que possa atender os interesses do Governo do Estado e do Sindicado dos Professores. Esses dois entes, Governo e Sindicato, precisam avaliar tudo o que já fizeram nesses dois anos e alguns meses e que levaram a situação a esse abismo que, infelizmente, em caso de persistirem na teimosia, podem cair, o problema e que, na queda, levarão inocentes que serão prejudicados a um tanto que, até agora, está muito difícil de dimensionar. Os problemas já são muitos e precisam ser resolvidos. Se entre os agentes do Governo e entre os agentes do Sindicato, esses que estão se enfrentando há mais de dois anos, já não tiver quem possa negociar, então que se mudem os negociadores. Pode ser até que se ache o rumo da coerência e o caminho para se chegar à Ilha da Paz.

Pesquisa Possíveis candidatos a disputar o “trono” ocupado hoje por Camilo Capiberibe estão programando pesquisas de opinião pública para os próximos dias, para medir impacto dos últimos acontecimentos no quadro político local.

Expectativa De um lado, governistas torcem para que avaliação de Camilo não tenha despencado de vez, em consequência dos novos conflitos com professores e anúncio de nova greve na educação. Oposição No lado da oposição, a expectativa é justamente o contrário. Perguntas inconvenientes Uma pergunta que não quer calar, em relação à eleição da OAB/AP: se candidato acusado de ser beneficiado com compra de voto pôde participar da nova eleição, bem como eleitores envolvidos no bafafá, então para que realizar nova eleição? Revenda Em praticamente 60 dias reinaugura, em Macapá, a nova concessionária da chinesa Chery, quefechou há mais de três meses, e antes era localizada próxima à rotatória do Araxá.

Direitos Os direitos da empresa foram adquiridos por um forte grupo marabaense, que tem à frente o empresário Zucatelli. Vai abrir lojas no Amapá, Pará, Amazonas e Roraima. Endereço O Grupo tem outras concessionárias de veículos naquele município paraense. A nova Chery deve se instalar na Av. Almirante Barroso, esquina com Rua Hildemar Maia, no Santa Rita. Crise Com pouco mais de quatro meses à frente da prefeitura de Oiapoque, Miguel Caetano (PSB) enfrenta sua primeira crise. De uma só canetada,exonerou seis auxiliares diretos. Em causa própria Foram para a rua o chefe de Gabinete, os secretários de Finanças, de Administração, de Educação, de Obras e o assessor jurídico do prefeito, acusados de aumentarem os próprios salários de R$ 4,5 mil para R$ 7,5 mil, sem autorização da Câmara de Vereadores. Pesado Reajuste não tinha sequer previsão orçamentária. Em uma rádio FM da fronteira,prefeito Miguel teria classificado os assessores de “ladrões”.

MINUTOS Vagas - Sebrae/AP abre vagas para profissionais em cargos de assistente II e analista técnico I. Inscrição - Interessados nas vagas podem sem inscrever pelo site www.fapetec.org.até o dia 7 de maio Informação - Estado tem até o dia 10 para informar ao Tribunal de Justiça se iniciou ou não operações para coibir transporte clandestino nas rodovias do amapaenses. Proibição - Proibição de transporte oferecido pelos chamados “picapeiros” foi determinada pelo juiz Paulo Madeira,emsentenção proferida no dia 25 de abril Postos – O TRE-AP instalou postos biométricos itinerantes, para cadastramento de eleitores, em mais duas instituições. Localizações - Três guichês foram instalados na Secretaria de Estado de Administração e dois, nos Juizados Especiais Virtuais.


JD

Informe Publicitรกrio

Macapรก-AP, sรกbado, 04 de maio de 2013

A4


CadernoB

Geral

Editor: Túlio Pantoja- tuliopantoja@jdia.com.br

Macapá-AP, sábado, 04 de maio de 2013

Camilo Capiberibe tenta contornar greve oferecendo reajuste de 7,13% a servidores

Segundo Camilo Capiberibe, oDiário Oficial do Estado circulou ontem (3) com a publicação de 600 novas progressões e promoções concedidas aos professores

N

a tentativa de evitar a greve dos educadores marcada para a próxima terça-feira (7), o governador do Estado do Amapá, Camilo Capiberibe, anunciou através de uma rede social que já enviou a Assembléia Legislativa (AL) o projeto de lei da data base. De acordo com a declaração feita no twitter, Camilo alega que está concedendo a todos os servidores efetivos do Amapá 7,13%, blindando assim, os salários de toda e qualquer perda inflacionária do período.“Em três datas base concedi 18,13% de reajuste salarial aos servidores igualando as perdas, garantindo poder de compra dos funcionários públicos. Os professores estaduais receberam no meu governo 21,13% de reajuste. Ou seja, 3% a mais que os demais servidores. O governo federal deu 5% no mesmo período”, escreveu o governador em seu perfil. Ainda segundo Camilo Capiberibe, oDiário Oficial do Estado circulou ontem (3) com a publicação de 600 novas progressões e

DIVULGAÇÃO

promoções concedidas aos professores. A greve A decisão de parar por tempo indeterminado foi tomada durante uma assembleia geral do professores, ocorrida na manhã da última quarta-feira (1). Entre outros pontos, a categoria cobra o cumprimento do Piso Nacional e a reabertura da mesa de negociações com o governo estadual. Um dos pontos cruciais da negociação é a incorporação da regência de classe, através de lei aprovada na Assembleia Legislativa, ao salário dos professores. Na semana passada, os educadores já haviam decidido durante a assembleia paralisar as atividades, reservando a data para as manifestações de protesto e para mobilização da categoria para nova assembleia, que seria realizada no feriado do dia do trabalhador. Nesta nova assembleia, o Sinsepeap decidiu sobre os próximos passos do movimento contrário ao projeto de incorporação da Regência de Classe. (Elen Costa)

De acordo com a declaração feita no twitter, Camilo alega que está concedendo a todos os servidores efetivos do Amapá 7,13%, blindando assim, os salários de toda e qualquer perda inflacionária do período.

Após anos de abandono, Parque Zoobotânico passa por limpeza

A

pós anos de abandono, o Parque Zoobotânico começou a passar por uma ação de limpeza. Equipes de Manutenção Urbanística (Semur), Meio Ambiente (Semam) e Obras (Semob), estão no local com os serviços de capina, varrição, poda e conserto da parte hidráulica. A ação faz parte das medidas de recuperação do Parque em que estão incluídas renovação da flora com mudas de plantas ornamentais. O Parque está em estado precário há vários anos. Além do abandono da estrutura física e da flora e

fauna, colocava em risco a vida dos animais, cuidadores e moradores das redondezas. “As passarelas estavam cheias de entulhos, com árvores caídas, as galerias apresentavam uma vegetação serrada e densa”, disse o diretor de Arborização da Semam, Carlos Éden. O Parque Zoobotânico hoje é uma Fundação denominada Parque Natural Municipal Arivaldo Gomes Barreto. Foi criado em 31 de março de 1997 e está desativado há 13 anos por não atender à Legislação Ambiental. Possui uma área de 107,11 onde trabalham 16

funcionários. Com grande diversidade botânica, abriga um zoológico com 61 animais distribuídos em 25 espécies da Amazônia que foram apreendidos, doados ou recolhidos pelo Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama). A proposta é elaborar ou adaptar um projeto que capte recursos para execução das medidas de readequação às leis ambientais, para que o Parque possa reabrir para o público nos próximos anos, com outras finalidades além de entretenimento, como para pesquisa.

FOTOS: DIVULGAÇÃO

O Parque Zoobotânico hoje é uma Fundação denominada Parque Natural Municipal Arivaldo Gomes Barreto.

A ação faz parte das medidas de recuperação do Parque em que estão incluídas renovação da flora com mudas de plantas ornamentais.


Cidade

JD

Macapá-AP, sábado, 04 de maio de 2013

B2

Editor: Túlio Pantoja - tuliopantoja@jdia.com.br

Setap protocola pedido de reajuste de tarifa de ônibus para R$ 2,69

Documento protocolado destaca que nos últimos dez anos o município de Macapá deixou de cumprir a sua obrigação legal

O

Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros do Amapá (Setap) protocolou ontem (3), junto a Companhia de Trânsito e Transporte de Macapá (CTMac) um requerimento de reajuste da tarifa urbana. A tarifa não é atualizada desde agosto de 2011, portanto há um ano e nove meses. O Setap aponta a tarifa de R$ 2,69 como justa e adequada. O documento protocolado destaca que nos últimos dez anos o município de Macapá deixou de cumprir a sua obrigação legal no sentido de manter o equilíbrio econômico financeiro das empresas operadoras de linhas de transporte coletivo urbano na capital, levando as empresas a ingressar na Justiça. “Entre o ingresso das ações e as decisões reconhecendo a necessidade de reajuste, em regra, transcorre determinado tempo, o que levou algumas empresas a situações de desequilíbrio financeiro, acumulando dividas e algumas delas apenas tão somente para citar duas, quais sejam, Cidade de Macapá E Viação Amapaense fecharam suas portas”, diz o documento.

DIVULGAÇÃO

A tarifa apontada pelo Setap como justa seria de R$ 2,69. A CTMac ainda não se posicionou quanto a proposta

O Setap lembra que a última ação a tramitar no Poder Judiciário foi a Ação Ordinária, Processo n. 002586-18.2010.8.03.0001, autuada em 27 de julho de 2010, cujo pleito reivindicava tarifa de R$ 2,57. Após os trâmites processuais coube ao Tribunal de Justi-

ça do Estado, em agosto de 2011, reconhecer a antecipação de tutela fixando a tarifa em R$ 2,30, a qual foi confirmada em sentença definitiva prolatada em 07 de março de 2012. A própria Prefeitura de Macapá, ainda em maio de 2010, reconhecia

como valor correto da tarifa R$ 2,16, enquanto que a pericia realizada no processo apontava o valor de R$ 2,57. “Desta forma, não há como se negar o direito das permissionárias em ver reequilibrado o valor da tarifa na medida em que

Instituição filantrópica concorre a prêmio nacional

O

Centro de Promoção Humana Dr.º Marcello Cândia está concorrendo ao Brinde Solidário do Banco BMG. O prêmio é destinado a ajudar instituições de apoio à terceira idade e de assistência a crianças e adolescentes. A votação é uma forma de a população ajudar pessoas em risco social. A instituição enviou vídeo mostrando o funcionamento do Centro, como vivem os beneficiários e indicando o Projeto a ser realizado, caso seja contemplado com o prêmio. Dentre os inscritos, o banco selecionou dez instituições para receber o voto dos internautas, que irão escolher o ganhador no site do Banco.

A instituição Dr.º Marcello Cândia vive de doações. Se premiada, será construído um parque para as crianças e adolescentes realizarem atividades recreativas, físicas, culturais e de lazer, bem como a aquisição de brinquedos e instalação de alambrado para segurança e melhorias no Centro – Projeto Aurora Equatorial. O Centro de Promoção Humana Dr.º Marcello Cândia cuida de crianças em situação de risco social, provenientes de áreas de ressaca e socialmente vulneráveis. A entidade vencedora no voto popular pela internet receberá a premiação de R$ 50 mil. “Agradecemos a todas as pessoas que estão colaborando

com a nossa instituição, para que através do Centro Marcello Cândia, possamos contribuir cada vez mais com o bem estar social das crianças, adolescente e as famílias que participam do Projeto Aurora Equatorial”, enfatiza a Irmã Maria Helena, uma das freiras responsáveis pela coordenadoria da Instituição. Junto com a instituição de Macapá, também estão concorrendo a Associação ao Idoso Vó Filomena, de Cuité; Associação Palmeirense de Assistência ao Idoso (Vila do Idoso), do município de Palmeiras dos Índios; Instituição Casa do Bem, de Natal; Centro de Formação Teresa Verzeri, de Porto Alegre, Centro Juve-

nil Salesiano Dom Bosco, de São Paulo; Fundação Assistencial de Macaúbas (FAMAC); Instituição à Criança e ao Adolescente Sto. Antônio (IACAS), em Manaus; Lar Cristo Rei, de Belo Horizonte; Obra Social Santa Isabel (OSSD), em Brazlândia. O Centro de Promoção Humana Dr.º Marcello Cândia está localizada na Avenida Mãe Luzia, 1325, ao lado da Escola Meta. De acordo com o edital do prêmio, a data de divulgação da Instituição premiada será no dia 17 de junho. Para votar na Instituição, basta acessar o site www. bancobmg.com.br/brindesolidario e escolher o Centro Dr.º Marcello Cândia. As votações vão até o dia 31 de maio de 2013.

Proposta obriga impressão do chassi da moto em capacetes A Câmara analisa proposta que obriga motociclistas e seus passageiros a utilizarem capacetes com o número do chassi do veículo impresso. A medida está prevista no Projeto de Lei

4986/13, do deputado Roberto Britto (PP-BA), e vale para condutores e passageiros de motocicletas, motonetas e ciclomotores. O objetivo, segundo Britto, é evitar crimes co-

metidos por motociclistas. “Com o número do chassi impresso nos capacetes do condutor e do passageiro, teremos uma outra possibilidade de identificar o veículo instrumento do assalto e seu proprie-

tário”, argumentou. A proposta, que tramita em caráter conclusivo, será analisada pelas comissões de Viação e Transportes; e de Constituição e Justiça e de Cidadania.

Bacharel em Direito poderão prestar consultoria e assessoria jurídica

T

ramita na Câmara o Projeto de Lei 4982/13, do deputado Antonio Bulhões (PRB-

-SP), que retira das atividades privativas da advocacia as funções de consultoria e assessoria

jurídicas. Dessa forma, a proposta permite que bacharéis em Direito (que não têm a carteira da Ordem dos Advogados do Brasil - OAB) exerçam essas atividades. “Se não é necessária a carteira da OAB para ser juiz, delegado de polícia, promotor de Justiça ou ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), qual seria o entrave de se reconhecer ao bacharel em Direito a faculdade de exercer a atividade de assessoramento e consul-

toria?”, questiona o deputado. “Com a aprovação deste projeto estaremos não só garantindo um direito legítimo, mas também possibilitando que mentes produtivas e mesmo brilhantes venham a contribuir para a doutrina jurídica, aprofundamento teórico e enriquecimento do conjunto das decisões sobre interpretações das leis em nossos tribunais”, acrescenta. A proposta altera o Estatuto da Advocacia (Lei 8.906/94).

não podem arcar com a falta de receita porque esta compromete a prestação do serviço e representa grave risco de inadimplência por parte das operadoras em seus compromissos assumidos, especialmente, considerando-se que no pe-

ríodo final de 2009 até a presente data, 74 ônibus novos (0 km) foram incorporados á frota”, lembram os empresários. A tarifa apontada pelo Setap como justa seria de R$ 2,69. A CTMac ainda não se posicionou quanto a proposta.

Bastidores da notícia RODOLFO JUAREZ

Jornalista rodolfojuares@gmail.com BARÃO DO RIO BRANCO A tradicional escola Barão do Rio Branco, pioneira do ensino no Amapá, passa por dificuldades que tem desafiado a administração da Secretaria de Educação. Os problemas são tantos que os amigos daquela escola, professores, pais de aluno, alunos e a diretora resolveram programar uma caminhada até ao Centro Administrativo de Macapá, com o objetivo de entregar um memorial às autoridades do Governo do Estado. A Secretária de Educação não gostou e vingou-se mandando exonerar a diretora. Enquanto isso, a escola continua sem condições de funcionar. COMÉRCIO Pronto para a semana que antecede o Dia das Mães, o comércio de Macapá, principalmente aquele que fica no Centro Comercial, espera receber os consumidores para a data que o comerciante considera a segunda, em volume de vendas, do ano. Desta feita e devido alguns problemas econômicos ocorridos no primeiro quadrimestre, alguns empresários ainda estão esperando para ver. IMPOSTO DE RENDA A Receita Federal já mandou avisar que os contribuintes retardatários já podem começar a entregar a declaração de imposto de renda pessoa física, para saber quanto têm que pagar de multa. Segundo a própria Receita, os contribuintes que deixaram para declarar no último dia, por várias razões não conseguiram completar a documentação e, por isso, optaram em pagar a multa à declarar errado, pois sabem que a malha fina está realmente fina. MARABAIXO O Bairro do Marabaixo tem sido referenciado por vários motivos. Alguns preocupantes, como a

desocupação de uma área que implicará na derrubada de residências e outras exemplares como a que faz parte da decisão tomada por professores e alunos da escola estadual do bairro, onde os professores, alunos e a direção resolveram prosseguir com as aulas independente do que decidir o Sindicato. MORADIA O problema da moradia em Macapá não será resolvido com a construção dos conjuntos residenciais que estão sendo efetivados na Capital. O número de migrantes é grande e a população residente cresce em índices superiores ao dobro do índice que índica o crescimento populacional médio. Dessa forma todos os planos que não levam em consideração essa realidade, não darão os resultados esperados. VIOLÊNCIA Os números constatam que a violência continua oferecendo uma curva ascendente. Mesmo não considerando as mortes violentas, onde houve a indesejada recuperação das mortes por arma de foto, também se manifesta pelos crimes contra o patrimônio. Assaltos, roubos, furtos, entre outros crimes, crescem todos os dias e movimentam os atendimentos policiais. ASSEMBLÉIA A Assembléia Legislativa do Estado do Amapá fez uma sessão de cinema para apresentar o desempenho do empresário, considerado modelo pelos deputados, e que foi o principal dirigente da ICOMI, na última quinta-feira. Com o evento os deputados procuraram se redimir de algumas avaliações equivocadas e outras legislaturas que analisaram por outro ângulo o que fez a Icomi no Amapá.


Geral

JD

Macapá-AP, sábado, 04 de maio de 2013

B3

Editor: Túlio Pantoja - tuliopantoja@jdia.com.br

Servidores da FCRIA protestam por melhores condições de trabalho

Categoria também denuncia insegurança e constantes agressões físicas e verbais nas unidades sócio educativas

S

ervidores da Fundação da Criança e do Adolescente (FCRIA), que compõem o Sindicato do Grupo Sócio Educativo de Proteção, iniciaram ontem, 3, protesto em frente ao Centro Socioeducativo de Internação (Cesein). Os funcionários cobram mais segurança, melhores condições de trabalho e denunciam constantes agressões praticadas por menores dentro das instituições. A categoria cruzou os braços após a tentativa de fuga de quatro adolescentes que cumprem medida socioeducativa no Centro Socioeducativo de Internação (Cesein), ocorrida na manhã da última quinta-feira, 2. De acordo com Ivonete da Silva, representante do Sindicato, dois servidores do quadro e dois do contrato que tentaram impedir a fuga dos menores,foram agredidos fisicamente durante o motim, com estoques (arma branca de fabricação caseira). Um deles foi ferido no rosto e outro nas costas. Segundo servidores, vários fatores

contribuíram. “São as condições de trabalho que nós não temos, não há rádio comunicadores para facilitar o alerta entre os educadores e a guarnição da PM, pois a agressãopoderia ter sido minimizada. Não temos material de trabalho, uma simples cadeira para escrever o relatório” declarou a servidora. Insegurança O princípio de rebelião, não é o primeiro caso registrado este ano. Segundo Ivonete da Silva, somente no Cesein já ocorreram quatro situações envolvendo agressão aos educadores. “Não podemos obrigar o servidor a chamar a mídia, pois nem todos querem se expor. Servidores foram agredidos e remanejados. Em um dos abrigos, outros quatro servidores também foram agredidos e no Centro de Internação Provisória, além das agressões físicas, temos as agressões verbais, que se tornaram cotidianas” denunciou a representante da categoria. A informação de que o

ASCOM/GEA

Comando da Polícia Militar teria baixado uma portaria que retira o uso de arma por policiais que atuam em núcleos sócio educativos, permitindo apenas o uso de tonfa, preocupou os servidores. “Em um dos casos, o comando enviou uma guarnição apenas com roupas de educação física, neste dia os menores partiram para troca de agressões físicas com os policiais, porque não há respeito por parte dos menores. Então sem a arma, aumenta a insegurança” relatou a servidora. Conjunto Mucajá Servidores ainda relatam que a situação piorou, após a instalação do Conjunto Mucajá as proximidades. Comparsas atuam como remetentes de armas, drogas, bebidas e outros materiais. “Eles jogam os materiais amarrados a pedaços de pedra, por cima do muro. As rondas são constantes nos blocos, pois qualquer falta de atenção dos educadores, os menores acabam se aproveitando” informou a servidora Renata Rego.

A categoria cruzou os braços após a tentativa de fuga de quatro adolescentes que cumprem medida socioeducativa no Centro Socioeducativo de Internação (Cesein), ocorrida na manhã da última quinta-feira, 2.

Estrutura condenada No ano passado uma inspeção realizada pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ) condenou a estrutura física do prédio onde funciona o Cesein. No entanto, até agora nada foi feito para mudar o quadro. Os funcionários alegam que a maneira como a diretora Maria Lucenia administra a unidade

é defasada. “Para se ter ideia, ela é diretora daqui há mais de vinte anos. Desde a época do governador Barcellos. O que eles dizem é que ela tem experiência. Mas pra gente ela estancou no tempo. Administra de modo defasado”, expôs um educador que pediu para não ter identidade revelada por temer a futuras represálias.

A defasagem do quadro funcional também é um dos problemas enfrentados. O último concurso foi realizado em 2004. No Cesein, há apenas seis educadores por plantão. Um contrato emergencial teria sido firmado, mas já dura cerca de dois anos.A paralisação deve continuar nas demais unidades na próxima semana.

Pequenos municípios devem se adequar Empresas com produtos ambientalmente à Lei da Transparência até 27 de maio adequados poderão receber “selo verde”

T

ermina no dia 27 de maio o prazo para que os municípios com menos de 50 mil habitantes atendam às exigências da Lei da Transparência. Aprovada há quatro anos pelo Congresso, a Lei Complementar 131 determina a publicação, em meio eletrônico de acesso público, das informações sobre a execução orçamentária e financeira dos entes federados. Muitos municípios, no entanto, sequer têm portal na internet.Autor do projeto que deu origem à lei, o senador João Capiberibe (PSB-AP) diz conside-

rar que o prazo dado às cidades menores foi suficiente para que se adequassem às exigências, lembrando ainda que o acesso à tecnologia está mais fácil atualmente. “A facilidade que a tecnologia criou para essa comunicação na rede mundial de computadores é enorme. Então não tem como os prefeitos tentarem se justificar arguindo dificuldades tecnológicas para cumprir a lei. Isso é descuido mesmo”, disse. O secretário-geral da ONG Contas Abertas, Gil Castello Branco, diz que não é difícil an-

tever as dificuldades. “Eu receio que isso [o cumprimento da lei à risca] não vai acontecer porque os municípios, embora tenham tido um prazo longo, desde 2009, muito provavelmente não se prepararam para essas mudanças”, lamenta. Deficiências Um levantamento feito pela ONG em 2012 mostra que até mesmo as cidades com mais de 50 mil habitantes, cujo prazo para adequação terminou há dois anos, têm dificuldade para cumprir a Lei da Transparência. O levantamento foi feito com base em índice de transparência criado pela organização que leva em conta 105 parâmetros de conteúdo, frequência de atualização e série histórica disponível, além da usabilidade dos sites.

A

s empresas da Zona Franca de Manaus que oferecem produtos ambientalmente adequados, segundo os princípios do desenvolvimento sustentável, poderão receber das autoridades públicas o selo verde “Preservação da Amazônia”. É o que prevê o Projeto de Lei do Senado (PLS) 185/2011, que a Comissão de Meio Ambiente, Defesa do Consumidor e Fiscalização e Controle (CMA) deve analisar na terça-feira (7), em reunião marcada para as 11h30. Da senadora Vanessa Grazziotin (PCdoB-AM), o projeto considera produtos ambientalmente adequados os que cumprem, nas etapas de produção, transporte e comercialização, os preceitos éticos e normativos da proteção ambiental.

PROCLAMAS DE CASAMENTO

Bel ª Maria Cristiane da Silva Passos, oficial do 2º Registro Civil das Pessoas Naturais Do Distrito e Município de Macapá-Estado do Amapá; FAZ SABER que se pretendem casar:

ALEX MONTEIRO DUTRA e IVANIRA MENDES RAMOS

Ele, filho de Raimundo Nonato Mendes Dutra e Nazaré Monteiro Dutra. Ela, filha de Raimundo Silva Ramos e Raimunda Flôr Mendes de Carvalho. Alguém souber de algum impedimento, oponha-se na forma da lei. Lavro o presente para se afixado em cartório e publicado na imprensa local. Macapá-AP, 30 de abril de 2013 Francilene da Silva Duarte Escrevente autorizada

Na justificativa do projeto, a senadora diz ser preciso incentivar o setor produtivo no rumo do desenvolvimento sustentável. Para Vanessa Grazziotim, mais eficaz do que medidas de caráter punitivo e mais efetiva do que ações destinadas a coibir as más práticas ambientais, é a adoção de medidas que previnam a ocorrência dos danos por meio da educação, da informação e do convencimento, buscando a adesão voluntária de todos no esforço preservacionista. Isso ocorre, de acordo com a senadora, porque cada vez mais a sociedade toma consciência do valor dos recursos ambientais e da necessidade de maior justiça social, para a sua própria sobrevivência e a das gerações futuras. O re-

lator, senador Cícero Lucena (PSDB-PB), é favorável ao projeto, que será analisado na CMA em decisão terminativa. A CMA ainda vai apreciar o PLS 626/2011, que trata do cultivo sustentável da cana-de-açúcar na Amazônia Legal, e o PLC 70/2012, que trata de regras para a manutenção de equipamentos de ar-condicionado. Ambos os projetos tramitam em caráter terminativo. Outro projeto que consta da pauta da CMA é o PLS 426/2011, que institui a contribuição de intervenção no domínio econômico incidente sobre a fabricação de biocosmético da região amazônica (Cide-Biocosméticos). Se aprovado, o projeto segue para análise da Comissão de Assuntos Econômicos (CAE). (Agência Senado)

PROCLAMAS DE CASAMENTO

Bel ª Maria Cristiane da Silva Passos, oficial do 2º Registro Civil das Pessoas Naturais Do Distrito e Município de Macapá-Estado do Amapá; FAZ SABER que se pretendem casar:

MARCELO AGUIAR QUARESMA e EDIELI ALMEIDA DE LIMA

Ele, filho de Moacir de Oliveira Quaresma e Maria das Graças Aguiar Quaresma. Ela, filha de Edna Maria Almeida de Lima. Alguém souber de algum impedimento, oponha-se na forma da lei. Lavro o presente para se afixado em cartório e publicado na imprensa local. Macapá-AP, 02 de maio de 2013 Francilene da Silva Duarte Escrevente autorizada


JD

Operação Impacto

Geral

Macapá-AP, sábado, 04 de maio de 2013

Editor: Pablo Oliveira - pc.oliveira@jdia.com.br

PF cumpre determinação judicial e realiza buscas no IBAMA Conforme o apurado, o funcionário acusado da fraude chegava a cobrar a quantia de R$ 3 mil por cada DOF produzido

FOTO DIVULGAÇÃO

ELEN COSTA Da Redação

A

ação da Polícia Federal (PF) denominada de Operação Impacto foi deflagrada nas primeiras horas da manhã desta sexta-feira (3). Atendendo a uma determinação da Justiça Federal, os agentes cumpriram mandados de buscas e apreensão na Sede da Superintendência Regional do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente (IBAMA) no Amapá e na residência de um funionário do órgão. De acordo com informações da assessoria de comunicação da PF, após receber denúncia de que um servidor do IBAMA estaria fabricando e vendendo Documentos de Origem Florestal (DOFs) – obrigatórios para a comercialização de madeiras –, a polícia deu início às investigações, que duraram cerca de um ano. Conforme o apurado, o funcionário acusado da fraude chegava a cobrar a quantia de R$ 3 mil por cada DOF produzido. Os documentos falsificados

Com o apoio de um oficial da Justiça Federal os agentes da PF cumpriram além das buscas, uma ordem judicial do exercício da função pública em desfavor do fiscal do IBAMA

eram usados pelas empresas para dar aparência de legalidade à comercialização do produto. Ainda segundo as investigações, o investigado já responde a dois processos na Justiça Federal do Amapá. O servidor que não teve o nome revelado pelas autoridades, já foi preso no ano de

2006 em outra ação da Polícia Federal intitulada de Operação Isaías, que também apurou crimes de falsificação de documentos. Com o apoio de um oficial da Justiça Federal os agentes da PF cumpriram além das buscas, uma ordem judicial do exercício da função pública em des-

favor do fiscal do IBAMA. Se for condenado, o funcionário acusado do crime de falsificação de documento público poderá receber como sentença até seis anos de reclusão. A pena poderá ser aumentada caso ele também seja acusado e sentenciado por crimes ambientais.

Pecuaristas inadimplentes com vacinação antiaftosa são notificados

H

oje os fiscais agropecuários da Agência de Defesa e Inspeção Agropecuária do Amapá (Diagro) realizam ações de busca de criadores inadimplentes com a imunização do rebanho na Campanha em Etapa Única Contra a Febre Aftosa de 2012. A programação, que ocorrerá em todos os municípios do Amapá, começou pelas comunidades de São Raimundo, Igarapé do Lago, Piaçacar, Maçaranduba, Limão I, II e III, em Santana. As ações da Diagro englobam palestras educativas sobre Defesa Agropecuária destinadas aos criadores da Associação dos Produtores Rurais de Piaçacar e Maçaranduba, com eixos temáticos incluindo abordagens sobre agrotóxicos; alimento seguro; mosca da carambola; riscos para a fruticultura e a importância da vacinação do rebanho contra a febre aftosa; georreferenciamento; atualização cadastral das propriedades rurais e a busca de produtores inadimplentes da re-

gião. Segundo o diretor-presidente da Diagro, Marco Antônio Silva de Sousa, o objetivo do Governo do Estado com esse trabalho é aumentar o índice vacinal no município, que alcançou 77,78% do rebanho total de 11.656 cabeças de bovídeos. Durante a programação, o chefe de Execução Regional da Diagro em Santana, Denis Quintas, informa que os produtores inadimplentes no município serão notificados a comparecerem posteriormente a Unidade Veterinária Local em Santana para regularizarem seus cadastros. “A regularização do cadastro é um requisito essencial para a emissão da Guia de Trânsito Animal (GTA), quando do transporte de animais para abate ou para regiões ou localidades”, diz Quintas. Atualmente, o Amapá está classificado no status sanitário de “alto risco” da aftosa e avança para o status de médio risco, não registrando nenhum caso da doença há 16 anos.

FOTO DIVULGAÇÃO

As ações da Diagro englobam palestras educativas sobre Defesa Agropecuária destinadas aos criadores da Associação dos Produtores Rurais de Piaçacar e Maçaranduba

A Campanha de Vacinação contra a Febre Aftosa do ano passado alcançou o índice vacinal de 88% do rebanho estadual, que é de aproximadamente 308.017 mil bovídeos (bo-

vinos e bubalinos), conforme dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), superando o índice da campanha de 2011, que foi de 87,6%. (agenciaamapa)

Creap começa entrega de aparelhos auditivos nesta segunda

O

s primeiros 30 pacientes inscritos no Serviço de Saúde Auditiva do Centro de Reabilitação do Amapá (Creap) receberão os aparelhos auditivos nesta segunda-feira, 6, a partir das 9h. A informação é da diretora do Creap, Fernanda Patrícia de Farias Rocha. Segundo ela, os moldes dos respectivos aparelhos já foram confeccionados e entregues ao Centro de Reabilitação. A intenção do centro é atender mensalmente 60 pessoas que foram cadastradas para receber o equipamento. Até o final deste ano serão entregues cerca de 960 aparelhos de uso bilateral. A diretora destaca que o objetivo é oferecer aos pacientes a oportunida-

de de inclusão social por meio da realização de exames auditivos e entrega do Aparelho de Amplificação Sonora Individual (AASI), o aparelho auditivo. “Além da entrega do aparelho, no dia 6 de maio, faremos também um ciclo de palestras para que usuários e familiares tenham um processo de adaptação tranquilo. Eles aprenderão como trocar pilhas e a maneira correta de limpeza do molde”, explica. “Nessa primeira etapa entregaremos 30 aparelhos. Até o dia 15 de maio faremos a entrega do molde para 45 beneficiados. Os serviços de cadastramento de novos beneficiados estão acontecendo normalmente no Creap”, finaliza Fernanda.

Mais informações sobre a entrega e o cadastramento para receber o aparelho po-

B4

dem ser obtidas por meio dos telefones: 3212-61456 e 3212-6147.

Ronda Policial JOÃO BOLERO Da 99,1 FM

BLOG DO BOLERO Estatística das mortes violentas de 01 a 02.05.2013 1º ARMA DE FOGO: com 38 homicídios (1 culposo) 27 em Macapá; 3 em Santana; 2 em Porto Grande 1 no Distrito do Coração, 1 no Igarapé da Fortaleza (STN), 1 no Distrito de Lourenço (Calçoene); 1 na Rodovia Duca Serra, 1 em Laranjal do Jari, 1 em Fazendinha. 36 do sexo masculino e 2 do sexo feminino. Obs.: No mesmo período do ano passado foram 39 homicídios, 25 em Macapá. 2º TRÂNSITO: com 31 óbitos 8 em Macapá; 7 na BR-156; 6 em Santana; 3 na Rodovia do Curiaú; 2 Rodovia JK e 2 na Rodovia Alceu Paulo Ramos; 1 no Paredão (Porto Grande), 1 na BR-210, 1 em Ferreira Gomes; 24 do sexo masculino e 7 do sexo feminino. 12 de moto, 10 de carro, 5 de bicicleta e 4 pedestres. Obs.: No mesmo período do ano passado foram 35 óbitos, 9 em Macapá. 3º ARMA BRANCA com 29 homicídios; 12 em Macapá; 5 em Santana; 3 em Laranjal do Jari; 1em Calçoene, 1 em Oiapoque, 1 no Paredão (Ferreira Gomes), 1 em Lourenço (Calçoene), 1 em Fazendinha,1 em Tartarugalzinho, 1 na Ilha de Santana, 1 na Perimetral Norte (Porto Grande), 1 em Amapá; 28 do sexo masculino 1 do sexo feminino. Obs.: No mesmo período do ano passado foram 46 homicídios sendo 24 em Macapá. 4º AFOGAMENTO: 20 óbitos 5 em Santana; 2 em Porto Grande e 2 no Bailique; 1 em Macapá, 1 em Mazagão, 1 em Cutias do Araguary, 1 no Abacate da Pedreira, 1 em Amapá, 1 em Pracuuba, 1 em Oiapoque, 1 em Calçoene, 1 Maçaranduba (Tartaruglzinho), 1 em Laranjal do Jari, 1 no Curiau Mirim; Todos do sexo masculino; Obs.: No mesmo período do ano passado 32 óbitos, 9 em Macapá. 5º SUICÍDIO: com 19 casos 9 em Macapá; 2 em Vitória do Jari, 2 em Cutias; 1 em Mazagão, 1 em Fazendinha, 1 em Santana, 1 em Mazagão Velho,1 em Ferreira Gomes e 1 em Porto Grande; 12 por enforcamento, 4 por envenenamento, 2 por arma de fogo, 1 por esfaqueamento. 14 do sexo masculino e 5 do sexo feminino; Obs.: No mesmo período do ano passado foram 09 casos, 7 em Macapá. 6º ASFIXIA: 05 óbitos ( 2 por homicídio) 4 em Macapá; 1em Pedra Branca; Todos do sexo masculino. Obs.: No mesmo período do ano passado 04 casos, 2 em Macapá. 7º AGRESSÃO FÍSICA: 05 óbitos 2 em Macapá; 1 em Vitória do Jari, 1 em Tartarugalzinho, 1 em Santana; Os 5 do sexo masculino; Obs.: No mesmo período do ano passado nenhum caso. 8º CHOQUE ELÉTRICO: 03 óbitos 2 em Macapá; 1 em Itaubal, 3 do Sexo masculino. Obs.: No mesmo período do ano passado 03 casos, 1 em Macapá. 9º TRAUMATISMOS DIVERSOS: 04 óbitos 1 em Macapá,1 em Vitoria do Jari, 1 em Santana, 1 em Laranjal do JAri ; Todos do sexo masculino;

Obs.: No mesmo período do ano passado foram 11 óbitos com 06 em Macapá 10º PAULADA: 02 homicídios 02 em Macapá; Ambos do sexo masculino. Obs.: No mesmo período do ano passado 03 casos. 11º QUEIMADURA: 01 óbito 1 em Macapá, Sexo masculino. Obs.: No mesmo período do ano passado nenhum caso. 12º FETO: 02 óbitos 1 em Macapá e 1 em Santana; Obs.: No mesmo período do ano passado 01 caso, em Mazagão. 13º PICADA DE COBRA: 01 óbito 01 em Macapá; Sexo feminino. Obs.: No mesmo período do ano passado nenhum caso. 14º RAIO: 01 óbito 1 em Ferreira Gomes; Sexo masculino. Obs.: No mesmo período do ano passado nenhum caso. POR CAUSA DESCONHECIDA: 01 óbito Em Porto Grande. No ano passado foram 7 por causas desconhecidas. No ano passado 2 mortes por acidente aéreo, em Macapá, 1 masculino e 1 feminino. Mais uma agência dos correios é assaltada Mais uma Agência dos Correios é assaltada em nosso Estado. Desta vez foi a Agência que fica situada no interior do Supermercado Sorriso, que fica na esquina da Rodovia JK com a Rua Leopoldo Machado, por volta das 05h00min da tarde de quinta-feira (2), quando dois elementos com armas de fogo, roubaram todo o dinheiro que estava no caixa, além de um cordão de ouro de um cliente que estava naquela Agência. Uma Guarnição da PM o 1º Batalhão chegou a ser acionada, porém, os assaltantes que estavam em uma moto, não foram presos. Quadrilha é presa logo após assaltar posto de combustível na BR-156 Quatro elementos armado com uma espingarda cal. 20, por volta das 04h00min da madrugada de quinta-feira, assaltaram o Posto de Combustível Milton Júnior, que fica na BR-156, no município de Oiapoque, renderam os dois frentistas e roubaram 500 reais, entretanto, uma hora depois, duas Guarnições da PM de Oiapoque, uma comandada pelo SGT. Ivaias e outra pelo SGT. Agostinho, prendiam os quatro acusados. Com eles os policiais apreenderam 1 espingarda com 9 cartuchos de cal. 20, 2 capuz, 8 braçadeiras tipo algemas e 335 reais em dinheiro. Os quatro foram flagranciado no CIOSP de Oiapoque e deverão ser encaminhados ao Mini Presidio daquele Município. São eles: ANTONIO AURICELIO DA CONCEIÇÃO (23); JOÃO VAGNER PANTOJA DOS SANTOS (25); BRUNO SILVA ARAÚJO (20); FRANCILENE RIGOR DE FREITAS (26). Quadrilha assalta caixa eletrônico da câmara de vereadores de Santana Foi por volta das 04h30min da madrugada de quinta-feira, que quatro elementos armados com armas de fogo, renderam e amarraram o vigilante da Câmara de Vereadores de Santana, e através de um maçarico, roubaram toda a grana do caixa eletrônico, cuja quantia, não foi repassada até agora para a imprensa. Após praticarem o assalto, eles fugiram em um carro Siena de cor vermelha. Até agora, nenhum dos assaltantes foi preso e nem identificado.


CadernoC

Geral Macapá-AP, sábado, 04 de maio de 2013

Editor: Pablo Oliveira - pc.oliveira@jdia.com.br

Circo Escola do Museu Mestre-Sala e porta-bandeira Projeto Sacaca inicia nova turma do Rio ministram curso para O carnavalescos no Amapá

Escolas de sambas amapaenses aproveitam para qualificar os profissionais da área com os melhores Porta-Bandeira e Mestre-Sala do carnaval brasileiro

FOTOS: CELIANE FREITAS

MÔNICA COSTA Da Reportagem

N

a manhã da última sexta-feira, 03, a Universidade do Samba Boêmios do Laguinho promoveu o workshop ministrado pelo 1º casal de Mestre Sala e Porta Bandeira da Beija Flor de Nilópolis do Rio de Janeiro. O evento que iniciou ontem, segue neste sábado, 04, e vai até amanhã, 05 de Maio no Centro de Treinamento do Santos Futebol Clube, que fica localizado na Rodovia Duca Serra, km 09, próximo à comunidade do Coração.A programação é aberta para todos os carnavalescos do Estado. Momento oportuno em que os amapaenses aproveitam para qualificar os profissionais da área da dança das escolas de samba de Macapá, em suas técnicas sobre comissão de frente, músicos, baterias entre outros quesitos. Carnaval o ano todo De acordo com a presidente da escola Universidade do Samba Boêmios do Laguinho, Daiana Ronieli Ramos, o objetivo da escola de samba é fazer carnaval o ano todo. “Visto que o casal de sambistas da escola Beija Flor é referência no quesito Mestre salas, e as técnicas que eles usam no Rio são bem mais avançadas do que a que nossa, e isso vai não somente contribuir para o crescimento e aprimoramento da nossa Boêmios do Laguinho, como também de outras escolas de sambas do Amapá.” ressaltou a presidente. O casal de porta-bandeira e mestre-sala da Beija-Flor de Nilópolis, Selminha Sorriso e Claudinho de Souza, que arranca aplausos e notas máximas em seus desfiles na Marquês de Sapucaí, faz essa parceria há mais de 20 anos. Fora das quadras, além de sambar, ambos usam fardas e trabalham no Corpo de Bombeiros do Estado do Rio de Janeiro. Claudinho ressaltou que é uma honra estar no Amapá novamente, a pri-

Centro de Pesquisas Museológicas/ Museu Sacaca do Instituto de Pesquisas Científicas e Tecnológicas do Estado do Amapá (Iepa), através da Gerência do Projeto “Circo, Arte e Ludicidade”, realiza neste domingo, 5, como parte da atividade Circo de Todos, a seleção das crianças frequentadoras do Museu para a oficina de arte circense, que acontecerá no período de maio a dezembro de 2013. Desde agosto de 2012, a equipe do Projeto “Circo, Arte e Ludicidade” promove aulas de circo para alunos de escolas públicas e crianças frequentadoras do Museu, na faixa etária de 7 a 12 anos. O objetivo é identificar as artes circenses como patrimônio cultural e utilizá-las como instrumento de educação e

desenvolvimento social. “As aulas de circo oportunizam aos participantes momentos de vivência, de experiência e de descoberta de novas formas de expressão e de conhecimento, inspirados na linguagem artística circense, o que possibilita considerável melhoria nas relações interpessoais e ainda estimula os sentimentos de cooperação e solidariedade”, explica a gerente do projeto, Gizelle Lais. O Circo Escola Museu Sacaca retoma suas atividades com a realização da aula inaugural no dia 7 de maio, na Praça das Etnias, a partir das 15h, com atividades para as crianças e seus responsáveis, de malabarismo, equilibrismo e acrobacias de solo e aérea, seguida de visita monitorada à Exposição a Céu Aberto.

Ipem faz fiscalização metrológica de cronotacógrafos FOTO: DIVULGAÇÃO

Boêmios do Laguinho trás casal de porta bandeira da Beija flor a Macapá Selminha Sorrinho e Claudinho

meira vez que veio, foi quando a Beija Flor homenageou o Estado na Sapucai em 2008, com o enredo “Macapaba - Equinócio Solar. Viagens fantásticas ao meio do mundo”. “Vamos trocar informações ministrando o curso, não somente sobre o casal de Mestre Salas e Porta Bandeiras, pois nós também aprendemos com os carnavalescos daqui do Amapá, e essa troca de informações sempre vem somar ao nosso trabalho.” Destacou Claudinho. A bela Selminha Sorriso disse que estar no Amapá falando sobre as técnicas do samba a deixa entusiasmada cada vez mais,

para continuar exercendo aquilo que ela mais gosta, que é sambar. Porta-Bandeira e Mestre-Sala Com os passos considerados obrigatórios, como meneios, giros, meias-voltas, mesuras e torneados, durante os desfiles das escolas de sambas, os casais de Porta-Bandeira e Mestre-Sala fazem uma apresentação especial para os jurados, com o objetivo de atingir a nota máxima. A avaliação é feita conforme a exibição do casal, que deve dançar suavemente ao ritmo do samba. É avaliado também pela harmonia entre ambos, a in-

tegração dos passos, o cortejo do homem, a proteção e cortesia que dá à sua dama e à bandeira da agremiação – que representa todo o pavilhão da escola de samba. Com a combinação nas roupas do casal nas cores da escola, e acabamentos luxuosos. As penalidades ou perda de pontos ficam a critério da apresentação feita, onde o casal não pode ficar de costas um para o outro, no mesmo momento, deixar cair ou perder qualquer elemento da composição de suas roupas e adereços (chapéus, sapato, esplendor, bandeira), mesmo que acidentalmente.

O

Instituto de Pesos e Medidas do Amapá (Ipem/Ap) realiza todas as quartas-feiras, até o dia 14 de agosto, no horário das 9h às 11h30, na Rodovia AP-020, em frente à Transwood, a fiscalização de verificação metrológica de cronotacógrafos de veículos traçados e que tenham esses instrumenos instalados na dianteira. A ação será desenvolvida em pista reduzida de 41 quilômetros e 5 quilômetros com padrão portátil VDO, marca RCR, modelo 252, série 135 e número do certificado de calibração R2343/2012. O cronotacógrafo, mais conhecido como tacógrafo, é um equipamento

obrigatório para veículos que fazem transporte de passageiros e de cargas, o qual faz o registro de tempo e velocidade, possibilitando o acesso de informações sobre os veículos que são importantes para controles nas empresas e em investigações oficiais. Sua utilização é fiscalizada pelo Inmetro (Instituto Nacional de Metrologia, Normalização e Qualidade Industrial) e pelo Ipem. O diretor do Ipem, Fernando Negrão, explica que o não comparecimento dos referidos veículos acarretará na aplicação de termo de ocorrência, segundo estipula a Resolução nº 11, de 12/10/1998, e a Portaria nº 201, de 02/12/2004.

Psicólogos não podem praticar acupuntura, decide STJ

O

Superior Tribunal de Justiça (STJ) decidiu esta semana proibir que psicólogos usem a acupuntura como técnica complementar de tratamento para seus pacientes, pois, segundo o tribunal, a prática não está prevista na lei que regulamenta a psicologia (Lei 4.119/62). A decisão do STJ ratificou o acórdão do Tribunal Regional Federal da 1ª Região que anulou a Resolução 5

de 2002 do Conselho Federal de Psicologia (CFP), que ampliou o campo de atuação dos profissionais da área, possibilitando a utilização da acupuntura nos tratamentos. O ministro Napoleão Nunes Maia Filho, do STJ, reconhece que no país não existe uma legislação que proíba a prática da acupuntura por determinados profissionais ou que preveja especificamente quem

pode atuar na área, porém, para ele isso não permite que, por meio de ato administrativo, os psicólogos atribuam a sua categoria esta prática. O ministro explicou que o exercício da acupuntura dependeria de autorização legal expressa, por ser idêntico a procedimento médico invasivo, “ainda que minimamente”. “Não se pode, por ato administrativo, resolução do Conselho Federal de Psico-

logia, sanar o vácuo da lei”, disse Maia Filho em nota. Em resposta à decisão, o CFP enviou um recurso especial ao Supremo Tribunal Federal (STF) pedindo a sua reformulação. Em nota, a entidade explica que “o psicólogo, a partir das atribuições profissionais estampadas na Lei nº 4.119/62, utiliza a acupuntura como recurso complementar a sua atividade profissional. E é bem por isso que o Conselho Federal de Psicologia editou a Resolução CFP nº 005/2002, conforme competência que lhe é delegada pelo Artigo 1º da Lei nº 5.766/71 [criação do Sistema de Conselhos]”. A Sociedade Brasileira de Psicologia e Acupuntura (Sobrapa) estima que, no Brasil, aproximadamente 4 mil profissionais de psicologia oferecem essa técnica de tratamento aos seus pacientes. Segundo o CFP, o Ministério da

FOTO: DIVULGAÇÃO

Saúde reconhece a acupuntura na atenção básica exercida por profissionais da Psicologia. Segundo o CFP, a acupuntura é um método terapêutico milenar, parte integrante da medicina tradicional chinesa. A entidade defende que “nessa perspectiva, é possível afirmar que a prática, cuja base é filosófica, não é utilizada pelo psicólogo para

tratamento médico ou clínico, como sugere a decisão do STJ, mas, sim, a partir de um diagnóstico psicológico”. “Se um paciente chegar ao consultório do psicólogo para tratar de uma cardiopatia, o profissional não poderá se utilizar da acupuntura para tal finalidade e encaminhará o paciente a um médico”, diz o recurso interposto pelo conselho. (agenciabrasil)


Esporte

JD

Macapá-AP, sábado, 04 de maio de 2013

Editor: Pablo Oliveira - pc.oliveira@jdia.com.br

Comel estima mais de 5.275 jovens no Torneio Interdistrital 2013 Competição inicia no dia 26 de maio no Distrito do Coração em Macapá

Pelo título, Remo e Paragominas oferecem premiação em dinheiro

P

Elcio Barbosa

Da Reportagem

A

Coordenadoria Municipal de Esportes e Lazer (Comel) pertencente à Prefeitura de Macapá (PMM) estima aproximadamente a participação de 5.275 jovens no Torneio Interdistrital de Futebol 2013. A competição já foi chamada por jornalistas em outras épocas de, “Copa do Mundo do Interior de Macapá”. A informação é da coordenadora de esportes da instituição, Socorro Farias. Socorro Farias, disse que este ano, foram realizados vários encontros com o propósito de planejar o evento. O planejamento organizacional consiste em reuniões, até visitas as comunidades interioranas. “Hoje uma equipe da Comel está na região de São Joaquim, e de Santa Luzia do Pacuí, com o objetivo de apresentar o regulamento, forma de disputa, e marcar a data e o local dos próximos jogos da competição nesta região” informou a coordenadora. A comitiva esportiva da Comel reúne às 10 horas em Santa Luzia, e depois às 16 horas em São Joaquim do Pacuí. Amanhã,

C2

Coordenadora de esportes da Comel Socorro Farias ao centro e equipe de apoio

sábado, dia 4 de maio, a comitiva faz visita à região do Tracajatuba a partir das 10 horas da manhã. “É orientação do Prefeito Clécio Luis que, a Comel realize este tradicional evento com totais condições, e cabe ao Coordenador da Comel, Alex Ferrei-

ra não medir esforços para que consigamos obter sucesso na realização do evento” ressaltou Farias. A região interiorana de Macapá está formada por 10 Distritos. Sendo que, os 10 distritos estão divididos por 211 comunidades. Cerca de pelo menos 25

atletas por localidade devem disputar aos jogos deste ano. “Dependendo do sucesso deste evento, nossa proposta para o próximo ano é de estender o Interdistrital, por que sabemos que a população gosta de esportes, e se prepara o ano inteiro, só

para participar da fase final marcada para o estádio, Glicério Marques em Macapá, este ano apenas, o campeão e vice da cada localidade devem fazer as partidas finais na capital” destacou Socorro Farias, coordenadora de esportes municipal.

ensando em garantir a vaga à Série D do Brasileiro, Paragominas e Remo estão prometendo um “algo a mais” para os seus respectivos elencos, com valores significativos em dinheiro. Do lado remista, a diretoria do clube prefere deixar o acordo em segredo. “A diretoria está disposta a pagar, sim. Não vamos divulgar os valores para não causar problemas. Fizemos um pacto com os atletas para que esse valor da premiação fique entre o grupo e a diretoria do Remo”, explicou Maurício Bororó, diretor do Remo. Já no lado do Paragominas, o tradicional “bicho” vai ser a meritocracia do Campeonato Paraense, ou seja, o valor pago pelo patrocinador da competição, que é de R$ 98,4 mil para o campeão. Caso o Jacaré conquiste o título do turno e vá disputar a grande final contra o Paysandu, o presidente do clube, Jorge Formiga, já garantiu nova premiação. “Se formos para a grande final, penso em tirar do bolso para gratificar os atletas. Antes disso, só posso dar a eles o valor da meritocracia”, confirmou. (remo100%)

São José goleia Cristal por 7x2 e encosta nos lideres do Sub 20 Elcio Barbosa

Da Reportagem

A

Sociedade Esportiva e Recreativa São José (SERSJ) localizada no bairro do Laguinho venceu o time do Cristal, bairro Santa Rita em partida realizada na noite desta quinta-feira, 2, no estádio municipal, Glicério Marques, pela 3ª rodada do Campeonato de Futebol Sub 20. Marcaram para o SER/SJ atletas: Fernando, Cabralzinho, Paulo Porto Grande, Zezinho, Calindi duas vezes, e Tracajatuba (Andrey). Diminuíram para o Cristal: Rodrigo e Hudson. O SER/ São José soma 6 pontos na tabela de classificação. O Cristal está na lanterna sem marcar pontos. Após 30 minutos de atraso do início da partida por um simples detalhe: falta da ambulância de apoio ao jogo, e depois da forte chuva que caio momentos antes do jogo. São José e Cristal jogaram pela 3ª rodada do certame Sub 20 de futebol. O que se viu em campo foi à superioridade do time do São José, tinha mais pegada no meio de campo do adversário, e aos

O pódio marca mais uma vez a presença da amapaense Belissa Lisboa na terceira colocação Com novo visual o ala direito do São José Gilberto Gonçalves ajudou a equipe consseguir mais uma vitória no sub 20

26 minutos da 1ª etapa, Fernando abriu a contagem para o São José, 1x0. Depois foi a vês do meio de campo, Cabralzinho chutar forte e marcar 2x0 São José. O São José era todo ataque, e no fim do 1º tempo, Paulo Porto Grande mandou um torpedo, o goleiro cristalino não conseguiu defender, São José 3x0. Na 2ª etapa, o tricolor do Laguinho continuou no ataque, e aos Calindi marcou o1º dele no jogo, era o quinto gol para o São José, placar 5x0. Aos 36 minutos Calindi novamente marcou

mais 1 gol no jogo, placar São José 6x0. O ataque do Cristal acordou aos 38 minutos através do atleta, Rodrigo, ele diminuiu o placar, 6x1. A defesa do São José cochilou de novo, e Hudson marcou o 2º gol para o Cristal na partida placar 6x2. Mas aos perto do fim do jogo, Andrey conhecido por Tracajatuba fechou o marcador, placar São José 7x2. “Nosso time está pegando, é isso aí, vamos trabalhar para encarar o São Paulo no dia 6 no Glicério Marques” avaliou Zezinho Macapá treinador tricolor.

Belissa Lisboa fica em 3º no Circuito Copa Brasil Elcio Barbosa

A

Da Reportagem

atleta amapaense Belissa Lisboa ficou na 3ª posição no Rating B realizado em Maceió, Alagoas no Circuito Copa Brasil. A atleta Caroline Arissa Kajihara conquistou na tarde da ultima quinta-feira, 2, a medalha de ouro da competição. “Bom resultado, sempre se mantendo no pódio, o trabalho está indo conforme o pro-

gramado” citou Antonio Lisboa, pai da Belissa que está em Macapá. Essa foi a 2ª competição promovida pela Confederação Brasileira de Tênis de Mesa na região Centro/ Norte/Nordeste somente este ano. O evento foi realizado no ginásio da Universidade Santa Úrsula, com mais de 250 competidores. A representante do São Bernardo/ASA/Palmeiras (SP) superou na partida fi-

nal Suelen Ramos, ela pertence à Associação Esportiva Lassalista (AM). O placar da partida foi: 3 a 1, com parciais de:11-5/6-11/118/7-11/11-6. Na terceira posição terminaram Belissa Amanda Arrelias Lisboa do Amapá, e Martina Kohatsu, da APTM Joaçaba (SC). A próxima edição da Copa Brasil será realizada em Maringá no Paraná entre os dias, 30 de maio, a 03 de junho do corrente ano.

FAFS inicia I Circuito Correios Sub 15 Masculino de Futsal 2013

A

Federação Amapaense de Futebol de Salão (FAFS) já deu inicia ao I Circuito Correios Sub 15 masculino de Futsal 2013. A competição faz parte do calendário anual de eventos da instituição. Ao todo, 12 equipes estão participam do Circuito Correios de 2013, na Chave A: Panamá, TDC, Hidrângea Clube, apela/barca, AABB, SER/São José e R10. Na Chave B: ADEC/Meta, Cidade Nova/Zico10, Canário/Sest/Senat, Águia E. C, e AERF.

Informações do presidente da Federação Luis Carlos Araújo, o evento tem por objetivo valorizar a categoria de base do futebol de salão no Amapá, assim, como prosseguir com os eventos anuais do calendário da instituição. “Nossa meta é realizar todas as categorias, desde o fraudinha até o sênior, e ainda dar seqüência ao nosso calendário, haja a vista que, temos o sub 15 em andamento, e teremos ainda o sub 9, o campeonato feminino, e a série ouro, e além do

Sênior” detalhou Luis Carlos presidente da FAFS. Na partida de abertura, o Trem Desportivo Clube venceu a Cidade Nova/ Zico 10 por 5x3. Marcaram os gols do Trem: Eduardo Campos duas vezes, Rafael Picanço, Rômulo Cezar. Marcaram para a Cidade Nova/Zico 10: Denilson Breno duas vezes, e João Gabriel. A arbitragem do jogo foi de: Jailson Rodrigues e Salmon Lopes. A próxima rodada está marcada para o ginásio estadual, Avertino Ramos entre as

Jovem equipe do TDC sai na frente e vence a primeira partida do sub 15

equipes de: Panamá x APEBA/Barca; e ADEC/

Meta x Canário Sest/Senat. A 1ª partida está

marcada para iniciar a partir das 19 horas.


JD

Diversão&Cultura

Macapá-AP, sábado, 04 de maio de 2013

C3

Editor: Pablo Oliveira - pc.oliveira@jdia.com.br

Festival gastronômico destaca culinária amapaense no Mercado Central Este ano a 8ª edição do evento tem como tema “A comida do lugar em todo lugar”

O Festival é uma realização da Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel) e tem como objetivo promover e valorizar a culinária brasileira

P

irarucu ao creme de castanha do Brasil, bolinho de bacalhau crocante recheado com banana e galinha caipira ao molho de jambú, são alguns dos pratos da 8ª edição do Festival Brasil Sabor, que começa no dia 2 de maio, e prossegue até o dia 19, em todo Brasil. Em Macapá, a

abertura do festival acontece na área externa do Mercado Central, a partir das 18h, com a participação de 16 restaurantes. O Festival é uma realização da Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel) e tem como objetivo promover e valorizar a culinária

brasileira. O evento conta com a parceria do Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), por meio do Projeto Serviços de Macapá e Santana, Governo do Estado do Amapá (GEA), Prefeitura Municipal de Macapá (PMM), Armazém Brasil, Skol e Cielo. Segundo a diretora técnica do Sebrae no Amapá, Ana Dalva Ferreira, “o festival é muito importante para divulgar e despertar nos chefs a valorização da culinária do nosso estado, e com isso desenvolver uma identidade da nossa região”, disse a diretora Ana Dalva Ferreira. Outro destaque do Brasil Sabor 2013, é a realização da Praça da Gastronomia que será montada na área externa do Mercado Central. As degustações serão comercializadas ao preço de R$ 7 reais.

Restaurantes 1- Cantinho Baiano Prato: Farol da Barra 2- Das Marias Cozinhas Industrial Prato: Pirarucú ao creme de castanha do Brasil 3- Dalulu Prato: Bolinho de bacalhau crocante recheado com banana 4- Delícias Da Mama Prato: Peixe delícia 5- Flora Restaurante Prato: Filhote grelhado ao molho da castanha do brasil 6- Regini’s Buffet Prato: Pirarucu pavulagem 7- Restaurante Chinês Yong Xiang Prato: Yakissoba tradicional

“Somos Tão Jovens” se esforça para explicar a formação musical de Renato Russo

A

lém do esperado desfile de músicas de Renato Russo, “Somos Tão Jovens”, filme de Antonio Carlos da Fontoura que estreia nos cinemas nesta sexta-feira (3), se propõe a explorar as questões existenciais do líder das bandas Aborto Elétrico e Legião Urbana. Também se esforça para explicar as histórias por trás das célebres canções compostas pelo “Trovador Solitário”. “Somos Tão Jovens” faz um recorte histórico da vida de Renato Russo, entre o surgimento do Aborto Elétrico e o começo do sucesso da banda Legião Urbana, na metade da década de 80. Aspectos como o homossexualidade e política ganham um

tom ameno da história. Os fãs poderão relembrar os hits da banda com uma marcante atuação de Thiago Mendonça na pele de Renato – o ator também toca os instrumentos e canta as músicas no longa. No período da inquietação pessoal e da “fase punk” de Renato, começam a surgir no filme as leves críticas ao período da Ditadura em Brasília – a maioria através das letras das músicas compostas pelo cantor. Nota-se o desejo de Fontoura de limitar a narrativa à vida musical de Renato, sem se importar com o cenário de revolta e desejo de mudança dos jovens nos anos finais do período militar no Brasil. (uol/cinema)

Resumo das Novelas Malhação Kika pressiona Sal para saber seus sentimentos por Lia. Depois da confusão que aprontaram, Robson, Pilha, Fatinha e Fera são expulsos da festa infantil sem receber o cachê. Lia deixa o Misturama, observada por Sal. Ju e Gil convidam Lia para grafitar. Bruno incentiva Fatinha a acreditar que saiu com Ulla. Olavo decide ajudar Bruno no projeto do CRAU. Raquel conta para Tatá, Paulina e Rômulo que Nélio não é seu admirador secreto. Marcela garante a Lorenzo que o admirador de Raquel comparecerá ao segundo encontro. Sal observa a movimentação das ruas e tenta sair do esconderijo, mas recua quando vê o carro de Alemão e Caixote. (segunda-feira)

Sangue Bom Tábata sugere que Amora adie sua festa de noivado. Margot confessa que roubou sua cliente para livrar Fabinho. Giane fica aliviada ao saber que Bento não está com Charlene. Verônica ouve Renata falar de Amora e exige saber sobre o passado da futura nora. Lara procura Natan. Jonas fica inconformado com o devaneio de Socorro sobre Amora. Margot fica arrasada com a fuga de Fabinho. Amora ouve Bento falar sobre ela com indiferença. Todos assistem ao programa de Sueli Pedrosa sobre Amora. Verônica quer cuidar dos preparativos da festa de noivado de Maurício. Filipinho não consegue contar para Rosemere que deu o dinheiro do curso de canto para Brenda.

Flor do Caribe Cassiano pede a pedra emprestada a Candinho, mas promete devolvê-la. Mila termina o relacionamento com Ciro. Durante as recordações da infância, Samuel lembra que Dionísio traiu sua família e levou o anel de sua mãe. Forçado por Bibiana, Hélio confessa que foi ele quem atropelou o casal. Alberto manda uma mensagem para Cassiano, fingindo ser Ester, e marca um encontro na cabana. Lindaura pede a Quirino para tentar convencer Samuel a desistir da investigação contra Dionísio. Ester avisa a Cassiano que não marcou um encontro com ele. Gonzalo surge e força Cassiano a entrar em um carro.

Salve Jorge Lívia inventa para Theo que tentou convencer Morena a deixar de trabalhar nas ruas. Helô conta para Berna que Mustafá está hospitalizado. Aisha reclama de sua família biológica. Delzuite arruma um emprego para Pescoço no bar de Diva. Aisha abraça Berna emocionada. Helô decide que Drica terá que trabalhar. Jô, Morena e Almir participam de treinamento. Theo pensa em Morena. Lívia fala para Élcio que ele saberá o percurso da prova antes de todos. Lucimar ofende Wanda em frente à delegacia. Berna não consegue contar a verdade para Aisha. Stenio e Helô conversam sobre o caso de Berna. Farid aprova os lenços que Buque leva para Ayla.

8- Restaurante Sarney Prato: Filé de tilápia no molho de camarão 9- Restaurante Tacaca Atalaia Prato: Galinha caipira ao creme de jambu 10- Restaurante Santa Rita Prato: Peixe ao forno no molho do camarão rosa 11- Temakeria Toshi Maki

Prato: Salmão crispy 12- Triunfu’s Buffet Prato: Risoto de bacalhau 13- Tacacá Atalia Prato: Galinha caipira ao molho de Jambu 14- Aconchego Prato: Pescada Equatorial 15- Mariscada Prato: Risoto de Marisco

Horóscopo Áries (21 mar. a 20 abr.) Escute as palavras de um amigo, que por vezes pode cutucar você. Mas agora diz coisa com coisa, e apela para a razão, mais do que para os impulsos. Assim é que você cresce e aparece, se faz notar num contexto maior, retomando controle do seu destino e de suas ações. Touro (21 abr. a 20 mai.) Esta em curso alguma modificação nas suas relações com chefes e superiores - pode ser uma novidade que vem chegando, de mudança de controle da empresa, ou uma despedida importante. Seja o que for, fique ligado, reaja com alegria, saiba receber essas novidades. Gêmeos (21 mai. a 20 jun.)

Um dia mais ameno, bom para curtir os contatos sociais e as atividades com outras pessoas, pois está aberto para aprender e trocar. Apesar disso, lembre que o cenário de fundo continua cheio de obstáculos para empreendimentos de longo prazo. No amor, cumplicidade a dois. Câncer (21 jun. a 21 jul.) Altos e baixos emocionais chegam neste fim de semana. Esvazie a cabeça de problemas e aproveite o tempo para liberar espaço em seu casa, doando e arrumando as coisas por lá. Contatos com familiares podem ser estressantes, mas basta observar mais para não ser afetado. Leão (22 jul. a 22 ago.) A onda boa para curtir os seres amados, os amigos, as pessoas em geral continua firme hoje! Ótimo encontrar o pessoal depois do trabalho, mas é bom se certificar de que não há ciumentos rondando seus passos. Um toque de graça e romantismo afastam duvidas e inseguranças. Virgem (23 ago. a 22 set.) Para ir no embalo certo da vibe astral, chegou a hora de rever as funções dos empregados e subalternos; a conclusão por uma dispensa deve ser obvia, e pode ser feita sem choro e ranger de dentes. Momentos de avaliação impõem flexibilidade e um olhar tranquilo para o cotidiano.

Libra (23 set. a 22 out.) Encerre as atividades de trabalho mais cedo, e não force as situações; será preciso esperar mais uns dias para ter aquela resposta! Se você conhecer uma pessoa nova nestes dias, ela poderá ser muito importante para ajuda-lo a modificar aspectos de sua vida que merecem revisão. Escorpião (23 out. a 21 nov.) O clima astral favorece o dialogo, a apreciação racional dos problemas sociais, políticos, e você pode sim dar sua contribuição promovendo relações equilibradas no ambiente de trabalho. Para uso pessoal, há que dar o braço a torcer num assunto domestico. Respeite o jeito alheio de viver. Sagitário (22 nov. a 21 dez.) As ondas astrais permitem mais contatos sociais, e Júpiter, seu regente, recebe excelentes aspectos da Lua, pela manhã. Esperança, reuniões produtivas, muita animação. Mas depois, explique que é preciso ter paciência para que as ideias se realizem. No amor, uma surpresa boa.

Capricórnio (22 dez. a 20 jan.)

Amigos de longa data são apoios nestes tempos difíceis, em que está sendo testado e suas ideias e concepções também. Sintomas físicos podem ter tudo a ver com um período de dúvidas, inseguranças etc. Um chefe pouco amigável, mas os amigos seguram sua onda. Aquário (21 jan. a 19 fev.) Mercúrio, Júpiter e Lua melhoram seu humor e disposição, pois há ou houve sinais de afeto e aceitação pelos quais há muito esperava. As conexões certas estão sendo formadas. Confie na direção que tomou. Energia e boa disposição até o fim do dia. Amor em alta. Peixes (20 fev. a 20 mar.) Mercúrio em Touro é o pensamento firme no que é concreto, o que pode ser uma camisa de força num dia em que é pedido urbanidade, abertura para o novo, o surpreendente. Lua e Vênus indicam disparidade entre o impulso de amar e de cuidar. Interferência de papeis.


Sociedade

Aline Lima alinelima@jdia.com.br

Editor: Pablo Oliveira - pc.oliveira@jdia.com.br

Macapá-AP, sábado, 04 de maio de 2013

Disney Santos e empresário Ray que inaugurou na última semana a Casa do Motoqueiro na zona Norte

Mensagem do Dia “Se eu vi mais longe, foi por estar de pé sobre ombros de gigantes”. Isaac Newton

Empresário Fábio Góes (Bloco Malagueta) e Francinei Bessa

No período de 6 a 9 de maio, uma equipe de técnicos do Sebrae, realiza mobilização no Escritório Regional do Município de Porto Grande, das 8h às 12h e das 14h às 18h, com objetivo de inscrever empresários de Microempresas para o ciclo 2013, do Prêmio de Competitividade para Micro e Pequenas Empresas (MPE Brasil). As inscrições iniciaram no dia 4 de abril e encerram dia 31 de julho.

Suany Filocreão agitando na noite amapaense

Locutor Deyvide Brother e Jayne Diniz

Bruna Souza

Casal Marlon Colares e Paula Pontes

Raila Santos

Todo alto astral de Larissa Rocha

Jornal do dia 04/05/2013  

Jornal do dia 04/05/2013

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you