Page 1

EDUCAÇÃO

Escola ganha rádio e reforça comunicação entre alunos

nB4

CAPIBERIBE: contra o plantio

NO SENADO

Plantio de cana-de-açúcar na Amazônia acende alerta

Criminoso que atuava no Perpétuo Socorro é preso Pitauã é acusado de ter cometido diversos crimes de assaltos no bairro nB4

Gasolina: reajuste pode chegar a 2,5% para o consumidor A Petrobrás informou ontem que os preços da gasolina e do diesel foram reajustados nas refinarias desde a 0h de hoje (30). Para a gaCELIANE FREITAS

DIVULGAÇÃO

•DOMINGO E SEGUNDA R$ 2,50 •TERÇA A SÁBADO R$ 1,50 DIVULGAÇÃO

* FUNDADO EM 04 DE FEVEREIRO DE 1987

MACAPÁ-AP, SÁBADO, 30 DE NOVEMBRO DE 2013 - ANO XXVI

solina, o aumento é de 4% e para o diesel, 8%. Para o consumidor final, o aumento da gasolina deve representar uma alta de 2% a 2,5% no

preço na bomba, segundo cálculos do economista Fábio Romão. Os preços não incluem os tributos Cide e PIS/Cofins e o ICMS. nA3 CELIANE FREITAS

NO SANTA RITA

Relatório publicado pelo senador João Capiberibe aponta que as dubiedades de interpretação geradas no projeto de plantação de cana de açucar na Amazônia causariam consequências negativas. nB1

Casa é totalmente destruída pelo fogo

MEDICAMENTOS

Empresas que atrasam entrega podem ser penalizadas A medida visa o cumprimento legal do prazo de entrega estabelecido em licitatação. nC1

DIVULGAÇÃO

SEGUNDO o morador, foram necessários apenas dez minutos para que o fogo destruísse a residência. Não foi identificada no primeiro momento qualquer causa do incêndio. nB3

SANTANA

Posição portuária estratégica atrai investimento de R$ 200 milhões Mato Grosso é o estado com quem o Amapá trava diálogo mais estreitos. Ele dá sinais de que está pro-

pício à interação comercial, o que propiciou diversos diálogos e troca de visitas entre os governos e em-

presários dos dois estados. Posição das docas facilita o escoamento dos produtos e reduz os custos. nB2

PESQUISA

56% dos homens já agrediram as companheiras A pesquisa mostrou ainda que 16% dos entrevistados admitem já ter sido agressivos com a companheira. nA3

DIVULGAÇÃO

SAÚDE

COMISSÃO está fazendo levantamento de prazos e entregas

Atendimentos são suspensos na UBS do Santa Inês

NA ASSEMBLEIA

Abandono do Parque do Forte é discutido em sessão

A chuva e um vento forte teriam afastado uma quantidade significativa de telhas da instituição, inundando o local. nB3

Criado em 2006, a Praça do Forte conhecida popularmente como lugar bonito, hoje vive em um total abandono. nB3

CELIANE FREITAS

NESTA EDIÇÃO CADERNO A............................4Pag. CADERNO B............................4Pag. CADERNO C............................4Pag. CLASSIDIA..............................8Pag.

PORTO DE Santana é importante, mas não tem previsão para ser reformado

UBS ficou cheia de água após chuva

NA INTERNET: www.jdia.com.br - REDAÇÃO: 3217.1117 - COMERCIAL: jdcomercial@jdia.com.br 3217.1100 - DISTRIBUIÇÃO: 3217.1111 - ATENDIMENTO: 3217.1110


A2

Opinião

Macapá-AP, sábado, 30 de novembro de 2013 Editor: Pablo Oliveira - pc.oliveira@jdia.com.br

Poucas & Boas

• ATÉ ONTEM, às 12h00,

as galhadas provenientes das podas de árvores pela Mix Engenharia, terceirizada da CEA, ainda permaneciam nas ruas do bairro Morada das Palmeiras. Com o entulho não é lixo domiciliar cabe à empresa retirá-lo ou pagar uma taxa especial para a PMM remover. O que não pode é abandonar as galhadas, assim, cometendo um delito ambiental além de deixar sujeira para os moradores.

• UM HELICÓPTERO R-66 pertencente ao de-

putado estadual Gustavo Perrela (MG) foi preso pela Polícia Federal recheado com 450 kg de pura cocaína. O parlamentar disse que nada sabia. Depois do inquérito concluído, a Receita Federal deve leiloar a aeronave como determina a lei ou então, doar para alguma repartição pública. Bem que o GEA e a bancada do Amapá no Congres-

so poderiam se candidatar a doação.

• RAMAL DA VILA Ve-

lha do Cassiporé, em Oiapoque, ligando a BR 156 a centenária vila, com 36 km de extensão, já se encontra com 26 km de caminho de serviço. Para agilizar a conclusão, basta boa vontade do SETRAP para a construção da ponte do Varadouro, de apenas 25 metros de comprimento, para que as máquinas continuem o trabalho. O povão da vila quer festejar o Natal com pelo menos o caminho de serviço pronto.

máquinas, pessoalmente foi até lá, desmontou o motor e descobriu que o problema não era de “relé” e sim de junta e bronzina da máquina. Já providenciou as peças e mandou o mecânico de volta a vila.

• BLACK FRIDAY (BF)

é um desconto grandioso a moda norte-americana no comércio daquele país para comemorar o Dia de

Ação de Graças. Realmente as diferenças de preços chegam até a 90% do normal. No Brasil a “moda” foi lançada esse ano e logo deve chegar ao Meio do Mundo. Só que a clientela deve tomar muito cuidado com as “ofertas”, para não cair numa fraude comum que é inflar o preço para dar os descontos depois, prática vedada pelo Código de Defesa do Consumidor. Lá nos EUA quem fraudar o BF vai pra cadeia. Por aqui ainda vai bater na Corte Superior.

O

Como se não bastasse a insegurança, o maltrato e a indisciplina no uso de toda a orla da frente da cidade, especialmente a que fica entre o Igarapé das Mulheres e o Araxá, agora o Trapiche Eliezer Levy, com menos de 100 metros

Twitter @leandromazzini

SENADO BANCOU VOOS DE AVIÃO DE PERRELLA

N

ão foi apenas o helicóptero apreendido pela PF que voou com verba do Senado. A Casa Alta bancou voos do avião do senador Zezé Perrella (PDT-MG) desde a sua posse. De Agosto de 2011 a Abril deste ano, o senador usou R$ 70 mil da verba indenizatória para abastecer de querosene seu King Air C-90, prefixo PT-WNW, pelo qual viaja pelo País em agendas particulares e oficiais. Segundo sua assessoria, o senador vendeu a aeronave. Procurada, a Anac não quis revelar o proprietário do avião.

Depois que comprou o helicóptero, os Perrella passaram a abastecer a aeronave, também com cota de indenização do Senado, pela Pampulha Combustíveis.

Em Minas

cialmente cuidados, onde não pode haver qualquer sinal de insegurança ou de mau uso. E é exatamente a insegurança e o mau uso que está evidenciado. Por causa da insegurança, as pessoas deixam de frequentar o local. Esse é o comportamento natural de qualquer um que perceba que não lhe é dada a ga-

Alguma coisa está muito errada ou todas as tentativas não estão dando certo. de comprimento, se transforma em um desafio – evitar que o local vire em um ponto de uso de drogas e de exercício da marginalidade. Até mesmo o bondinho, entregue em abril de 2011 como se fosse um grande troféu da administração, não funciona há bastante tempo, mostrando que a negação do que foi afirmado, mais uma vez entra para a conta das medidas que não deram certo. E nunca vai dar certo se continuar assim... É evidente que esses locais precisam ser espe-

Jornalista

Mais um

Turismo: por enquanto, apenas uma coleção de problemas s responsáveis pelo desenvolvimento da infraestrutura turística do Estado do Amapá e, especialmente de Macapá, estão encontrando muitas dificuldades para mudar a realidade, ou estão sonhando, profundamente, com uma realidade muito difícil de ser alcançada. A metodologia que possa identificar os pontos de convergência do setor ainda não está disponível. Tanto a Prefeitura de Macapá, através de sua coordenadoria especializada, como o Governo do Estado, através de sua secretaria executiva, não conseguem alcançar os resultados que constam dos seus planos. Alguma coisa está muito errada ou todas as tentativas não estão dando certo. Dá para perceber que não falta vontade da parte dos técnicos e até, dos coordenadores e do responsável pelo setor, mas, os resultados alcançados pouquíssimo têm a ver com a potencialidade anunciada pelos próprios técnicos e pelos gestores.

POR LEANDRO MAZZINI

Durante dois anos, Perrella comprou querosene da Marlim Azul Combustíveis, no Aeroporto da Pampulha, centro de BH. O Senado pagou R$ 70.637,54.

lha, a população está há 60 dias sem energia elétrica por defeito no motor e não no gerador. Funcionários da CEA já estiveram lá por duas vezes, mas o problema não foi solucionado. Então, o prefeito de Oiapoque Miguel Caetano, que é mecânico de

Jornalista rodolfojuares@gmail.com

ESPLANADA

Você paga

• FALAR EM VILA Ve-

RODOLFO JUAREZ

Coluna

rantia de tranquilidade. Por causa do mau uso dos locais as pessoas também se afastam e não se arriscam a se aproximar. Afinal, quem não procuraria evitar a aproximação dos filhos de pessoas que estão consumindo drogas, seja do tipo que for, seja no lugar que for. É preciso que as autoridades reconheçam a situação atual, elabore um plano e enfrente o problema, de outra forma o problema pode aumentar e quando programar intervir, as questões já estarão agigantados e fazendo exi-

gências que podem não estar mais ao alcance das administrações. Por enquanto, a solução depende de uma tomada de decisão, com o setor tomando conta das atividades a ele inerentes, deixando de sonhar, pois aqui, não é um dos locais que estão descritos nos livres acadêmicos ou de divulgação de pontos turísticos. Qualquer unidade turística começa fazendo turismo para os que fazem o cotidiano no local. Errado está aquele que pensa em preparar a infraestrutura turística do Estado para aqueles que vêm aqui de vez em quando, nos transatlântico, que desembarcam pro uma ou duas horas, às vezes apenas para atender necessidades da própria condição humana, não deixam nada, a não ser o pagamento de um chapéu de palha e muita reclamação do calor. Não é exagero, mas qualquer um pode dizer que até agora ainda nada deu certo e que, nesse aspecto, houve regressão na qualidade, que já chegou a pontos bem melhores quando foi trabalhado considerando outros parâmetros.

O filho do senador, deputado estadual Gustavo Perrella (SDD-MG), usou R$ 14 mil da verba da Assembleia, onde empregava o piloto-fantasma, para querosene do aparelho.

Presidente:

Aldenor Benjamim dos Santos

CONSELHEIROS Haroldo Pinto Pereira Danieli Amanajás Scapin Carlos Augusto Tork de Oliveira José Arcângelo Pinto Pereira Janderson Carlos Nogueira Cantanhede Heloisa Figueiredo Pereira

Editado por Omega Publicidade Ltda. Rua Mato Grosso, 296 A - Bairro Pacoval CEP. 68.908-350 - Macapá-AP CNPJ 03.926.197/0001-82 Fundado em 4 de fevereiro de 1987 por Otaciano Bento Pereira(*1917 +2006) e Irene Pereira(*1923 +2011) 1º Presidente: Júlio Maria Pinto Pereira 1987 a 1991 - (*1954 +1994) 2º Presidente: José Arcangelo Pinto Pereira 1991 a 2003

Opinião .....................A2, A3 Geral ..........................A4 Geral ..........................B1,B2,B3 Polícia ........................B4

E-mails Pautas e contatos com a redação: jornaldodia@jdia.com.br Editor-Chefe: cantanhede@jdia.com.br Departamento Comercial: jdcomercial@jdia.com.br comercialjd.2011@gmail.com mariaruth@jdia.com.br JD na Internet: www.jdia.com.br VIA CELULAR: m.jdia.com.br Representante comercial Grupo Pereira de Souza – GPS Matriz Rio de Janeiro/RJ - Tel.: (21) 2544.3070; Brasília/DF - Tel.: (61) 3226.6601; São Paulo/SP - Tel.: (11) 3259.6111; Belém/PA - Tel.: (91) 3244.4722

3º Presidente: Maria Inerine Pinto Pereira 2003 a 2005 Vacância do Cargo 2005 a 2012 4º Presidente: Haroldo Pinto Pereira 2013 Presidente Executivo: Haroldo Pinto Pereira haroldopereira@jdia.com.br Vice-Presidente e Diretora Comercial Juliane Pereira juliane.pereira@jdia.com.br Gerente Comercial: Edson Coelho edson.coelho@jdia.com.br Consultoria Jurídica : Juliane Pereira (OAB/AP 1320) Jakeline Morato Pereira de Souza (OAB/AP 1381) Editor-Chefe: Janderson Cantanhede cantanhede@jdia.com.br

ÍNDICE

Endereços Redação, Administração, Publicidade e Oficinas: Rua Mato Grosso, 296 A Pacoval, Macapá (AP) - CEP 68.908-350

Contatos: Fale com a redação (96) 3217-1117 (96) 3217-1108 Fale com o departamento comercial (96) 3217-1100 / 3217-1111 Geral (96) 3217-1110 Conceitos emitidos em colunas e artigos são de responsabilidade de seus autores e nem sempre refletem a opinião deste jornal. Os originais não são devolvidos, ainda que não publicados. Proibida a reprodução de matérias, fotos ou outras artes, total ou parcialmente, sem autorização prévia por escrito da empresa editora.

Acompanha o

caderno de ClasssiDia 8pág. Geral ...........................C1 Esporte ......................C2 Cultura .......................C3 Social ..........................C4

Aos domingos Veículos ....................D1,D2,D3 Informe .....................D4

Edição número

8368

O helicóptero R66 flagrado pela PF com 442 kg de cocaína no ES pode ir a leilão assim que se encerrar o inquérito, em 30 dias, diz à Coluna o delegado Leonardo Damasceno.

O que é ruim..

Condenadas a regime fechado no caso do Mensalão, Kátia Rabello, ex-dirigente do Banco Rural, e Simone Vasconcelos, ex-secretária de Marcos Valério, vão ser transferidas para o presídio feminino da ‘Colmeia’, em Brasília. Vão sofrer. As situações lá são degradantes para higiene pessoal, e detentas não têm absorventes.

..vai piorar As revelações, como publicou a Coluna, foram feitas pelo juiz de execuções penais Ademar Vasconcelos, em relatos para amigos, antes de ser afastado por pressão do ministro Joaquim Barbosa, do STF. Ademar mandou o governo comprar absorventes.

PT x PMDB

Após a reunião de hoje com a Dilma, o ex-presidente Lula e o comandante do PT, Rui Falcão, vão se reunir na Segunda com presidentes de diretórios petistas que enfrentam problemas após as eleições internas – todas elas por causa de impasses com o PMDB.

Bombeiros

Lula e Falcão vão apagar incêndios, para evitarem novas intervenções como em 2010. Os focos são Rio de Janeiro e Maranhão, para citar os quadros críticos.

Pré-ministro

CONSELHO EDITORIAL

Rumo ao leilão

Ciro Gomes (PROS-CE) diz que não há definição de chapa que integrará base de Dilma no Estado. O PROS vai esperar a oposição lançar um nome à sucessão estadual.

Índia-Brasil

O novo embaixador da Índia, Ashok Tomar, faz aproximações com Estados que considera importantes para comércio bilateral. Visitará Antonio Anastasia (MG), dia 3, e Beto Richa (PR), dia 16, onde a indiana Bry-Air constrói unidade do setor químico.

Fato..

O governador da Bahia, Jaques Wagner, ligou para a presidente Dilma no Alvorada e avisou que lança hoje o chefe da Casa Civil, Rui

Costa, para disputar sua sucessão no Estado. Embora Walter Pinheiro e Sérgio Gabrielli não tenham desistido de prévias.

.. consumado

Outro que resistia, Luiz Caetano, ex-prefeito de Camaçari, desistiu de sua pré-candidatura e vai apoiar Rui Costa. Deputado federal licenciado, Costa, além do apoio de Wagner, tem a maioria dos delegados caso haja prévias.

Pais & filhos

A CCJ do Senado aprovou projeto do senador Pedro Taques (PDT-MT), que prevê o direito de todo pai contestar a paternidade dos filhos por ele reconhecidos. Inclusive quando a considerada filiação decorreu de relações que não a do casamento.

Por que será?

Para o senador Taques, o projeto ‘deverá passar fácil pelo Plenário do Senado’.

Na Esplanada

Givaldo Carimbão (AL), líder do PROS na Câmara, garante que o partido terá um ministério na Esplanada em Janeiro. O nome é Ciro Gomes. A conferir.

Ponto Final

A Black Fraude de hoje: assine 15G de internet das operadoras e receba 5. Compre um celular e fique sem sinal na rua.

Com Marcos Seabra, Maurício Nogueira e Adelina Vasconcelos

www.colunaesplanada.com.br LM Comunicação Coluna Esplanada contato@colunaesplanada.com.br Caixa Postal 1980 – CEP 70254-970 – Brasília-DF


Macapá-AP, sábado, 30 de novembro de 2013

Progresso - Estive ontem conhecendo de perto alguns projetos que a empresa Elinsa está trazendo para o Amapá. Confesso que fiquei muito empolgado com o progresso que o Estado poderá ter com os serviços e produtos oferecidos pela empresa. Produtos - A Elinsa está há 45 anos no mercado de engenharia de todo tipo de obra elétrica, geração e fabricação de painéis, manutenção de instalações elétricas, entre outros produtos e serviços. Solução - O que mais me chamou a atenção foi um projeto de geração de energia solar, pronto para ser executado no Amapá. Imaginem o que isso representa para um Estado que tem problemas para abastecer sua demanda e que

Entre Aspas JANDERSON CANTANHEDE Jornalista

ainda depende de geradores de energia à óleo. Muito simples - Em conversa com o diretor Antonio Saavedra, o projeto me pareceu muito simples. Qualquer cidade do Amapá com até 30 mil habitantes poderá ter energia elétrica gerada pela luz solar. Simples assim! Energia limpa - Isso significa que poderíamos quase que aposentar os geradores de energia a óleo. Teríamos em 14 municípios do Amapá uma energia limpa, gerada apenas com a luz do sol. E olha que tem gente que ainda reclama dessa nossa quentura... O que falta? - O que precisamos no Amapá é de iniciativas como essas, que estão a anos luz da nossa realidade mas que podem

Opinião

que vão fazer se, por ventura, chegarem a ganhar a eleição. Nós queremos fazer exatamente o contrário. Está certa!

muito bem se concretizar com iniciativa. Afinal de contas, o que impede do poder público investir em um projeto como esse?

Aberto - O Congresso Nacional promulgou a emenda constitucional que prevê o voto aberto para cassações de mandatos.

Orientação - A ex-senadora Marina Silva propôs que o PSB elabore um programa de governo antes de negociar acordos com outras siglas para a corrida presidencial de 2014, uma estratégia que contrasta com a movimentação intensa do governador Eduardo Campos, presidente do PSB, em busca de novos aliados.

Questionamentos - No entanto, advogados de deputados condenados pelo Supremo Tribunal Federal (STF) e que devem enfrentar nos próximos meses processos de cassação alegaram que o texto é “dúbio” e permite questionamentos judiciais.

Está certa - Marina disse que pretende fazer uma “inversão do processo político” ao colocar a “discussão programática” em primeiro plano. Segundo ela, geralmente as pessoas pensam nas alianças eleitorais e depois decidem o

Vácuo - O argumento dos advogados é que a PEC retirou a determinação de que as perdas de mandato deverão ser decididas em votação secreta. Mas não incluiu a determinação de que a votação deveria ser aberta deixando, assim, segundo essa interpretação, um “Vácuo legislativo”. Até amanhã...

Siga: @cantanhede_AP Email: cantanhede@hotmail.com / cantanhede@jdia.com.br Blog: jandersoncantanhede.wordpress.com

Preço da gasolina sobe 4% a partir de hoje DIVULGAÇÃO

Para o consumidor final, aumento da gasolina na bomba deverá ser de até 2,5%

A

Petrobrás informou ontem que os preços da gasolina e do diesel foram reajustados nas refinarias desde a 0h de hoje (30). Para a gasolina, o aumento é de 4% e para o diesel, 8%. O reajuste foi decidido hoje durante a reunião do conselho de administração da estatal. Para o consumidor final, o aumento da gasolina deve representar uma alta de 2% a 2,5% no preço na bomba, segundo cálculos do economista da LCA Consultores, Fábio Romão. Segundo a empresa, os preços da gasolina e do diesel, sobre os quais incide o reajuste anunciado, não incluem os tributos federais Cide e PIS/Cofins e o tributo estadual ICMS. O fato relevante afirma que a implementação da política de preços visa a "assegurar que os indicadores de endividamento e alavancagem retornem aos limites estabelecidos no Plano de Negócios e Gestão 2013-2017 em até 24 meses, considerando o crescimento da produção de petróleo e a aplicação desta política de preços

U

Editor: Túlio Pantoja - tuliopantoja@jdia.com.br

Dia-Dia

A conta pode ser maior

A

conta da vinda dos médicos para reforçar o atendimento de saúde pode ser muito maior do que se imaginava. A "bolsa-formação" usada para remunerar os médicos cubanos não está isenta do recolhimento das contribuições previdenciárias. O aviso veio da Secretaria da Receita Federal. O órgão alertou que a importância mensal paga aos médicos constitui salário e, como tal, está sujeita ao recolhimento ao INSS de 11% pelos contratados e de 20% pelo contratante. Para o governo, a despesa mensal subiu de R$ 10 mil para R$ 12 mil por médico. Como se trata de salário, haverá sobre ele incidência de todos os encargos sociais (FGTS, seguro acidente do trabalho, salário-educação, descanso semanal remunerado, férias, abono, aviso prévio e outros) que somam 102,43% do salário. É isso que diz a Consolidação das Leis do Trabalho (CLT). O governo, que previa gastar R$ 511 milhões para contratar 4 mil médicos cubanos por quatro anos, terá de reservar mais de R$ 1 bilhão só para essas despesas. Não estão nessa conta os gastos com transporte e acomodação dos médicos no Brasil, nem tampouco os adicionais por insalubridade e periculosidade a que muitos farão jus. Há que se considerar ainda que, mais cedo ou mais tarde, os médicos cubanos conhecerão o alcance das nossas leis trabalhistas, que, se não forem cumpridas, detonarão ações judiciais - individuais ou coletivas - com vistas a receberem atrasados e reparar danos morais. Eles saberão que, ao contrário de Cuba, as portas dos tribunais do Brasil estão permanentemente abertas para todos os cidadãos que aqui trabalham. Basta acioná-los. Por isso, a conta pode subir muito. Todos sabem que, no campo trabalhista, quem paga mal paga duas vezes. Pagamentos realizados por força de sentenças judiciais são sujeitos a elevadas multas e pesada correção monetária. O bom senso recomenda fazer provisões para o desfecho, que pode ser desastroso. Basta lembrar que os médicos cubanos não podem trazer seus familiares; estão impedidos de sair do Brasil; se pedirem asilo, será negado; e ainda têm 70% do seu salário confiscado e remetido ao governo cubano, que nada pode fazer para os brasileiros. Situações mais brandas que essa têm sido denunciadas pelas centrais sindicais como "análogas ao trabalho escravo". Neste caso, "ouve-se um sonoro silêncio". A conta dessa contratação pode se tornar colossal, o que vai demandar recursos que poderiam ser aplicados na própria solução eficaz do problema da saúde em prazo médio.

O bom senso recomenda fazer provisões para o desfecho, que pode ser desastroso.

Hora-Hora SEGUNDO A EMPRESA, os preços da gasolina e do diesel, sobre os quais incide o reajuste anunciado, não incluem os tributos federais Cide e PIS/Cofins e o tributo estadual ICMS.

de diesel e gasolina". Outro objetivo da empresa é alcançar, em prazo compatível, a convergência dos preços no Brasil com as referências internacionais. Além disso, com esse modelo, a estatal busca não repassar a volatilidade dos preços internacionais ao consumidor doméstico. Para o analista do Centro Brasileiro de Infraestrutura (CBIE) Adriano Pires, os reajustes darão um fôlego limitado à companhia, melhorando o resultado do primeiro trimestre, mas de forma insuficiente para

resolver seus problemas de caixa. "Infelizmente, o mercado vai ficar frustrado, o governo decepcionou", disse Pires. Ele acredita que o anúncio foi uma forma de a companhia evitar ações de minoritários na Comissão de Valores Mobiliários (CVM) pela implementação de uma política de preços que seja compatível com a empresa. O impacto decorrente do reajuste será de 0,11 ponto porcentual na composição do Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), disse ao

Broadcast o economista-chefe do Espírito Santo Investment Bank (Besi Brasil), Jankiel Santos. De acordo com ele, o reajuste dos combustíveis vai se concentrar na inflação de dezembro, que deverá fechar com variação de 0,70% a 0,75%. Segundo Romão, da LCA, o reajuste mais tímido do que o esperado praticamente garante ao governo manter o IPCA de 2013 abaixo dos 5,84% apurados no ano passado, porcentual considerado uma meta informal da equipe econômica.

Pesquisa mostra que 56% dos homens já foram agressivos com a companheira ma pesquisa elaborada pelo Data Popular revelou que 56% dos homens já tiveram atitudes que caracterizam violência doméstica contra suas parceiras. De acordo com a pesquisa Percepções dos Homens sobre a Violência Doméstica contra a Mulher, 41% dos brasileiros conhecem pelo menos um homem que tenha sido violento com sua parceira. Para fazer a pesquisa foram entrevistados 995 homens e 505 mulheres a partir de 16 anos em 50 municípios das cinco regiões do país. A pesquisa mostrou ainda que 16% dos entrevistados admitem já ter sido agressivos com a companheira. Mas quando listada uma série de atitudes consideradas violentas, é que se chega ao resultado de 56% deles admitindo terem sido agressivos. Entre os itens apontados estão: xingou, empurrou, ameaçou com

A3

palavras, deu um tapa, um soco, impediu de sair de casa, arremessou algum tipo de objeto, humilhou em público,obrigou a fazer sexo sem vontade e ameaçou com arma. Segundo o estudo 53% dos homens entram no casamento com expectativa de felicidade, mas a mesma porcentagem atribui à mulher a responsabilidade pelo sucesso da união. Ainda dentro das expectativas 85% acham inaceitável a mulher ficar alcoolizada 69% não concordam que ela saia com amigos sem sua companhia e 46% consideram inaceitável o uso de roupas justas e decotadas. O estudo indicou também que a mulher ainda é vista como responsável pelo trabalho doméstico, já que 89% não aceitam que a mulher não mantenha a casa em ordem. Em outro aspecto a pesquisa constatou que 29% dos entrevistados acre-

ditam que o homem só bate porque a mulher provoca e 23% batem porque só assim a mulher "cala a boca", além de que 12% acha que têm razão em bater na mulher caso ela os traia. De acordo com o estudo o ambiente na infância pode ser o fator influente no comportamento do homem adulto 67% dos agressores presenciaram discussões dos pais quando crianças, enquanto entre os não agressores esse número cai para 47%. Entre os agressores 21% viram violência física e entre os não agressores esse índice cai para 9%. Quando questionados sobre a Lei Maria da Penha 92% dos homens se disseram favoráveis, mas 35% afirmaram que a desconhecem parcial ou totalmente. A maioria dos homens não entende que a lei atua para diminuir a desigualdade de gênero. Para 37% as mulheres desrespeitam mais os

homens por causa da lei e 81% defendem que os homens também deveriam ser protegidos pela lei. O presidente da Avon, David Legher observou que a pesquisa mostrou que a sociedade ainda está muito longe de poder dizer que a violência doméstica não existe. Segundo ele a ideia de ouvir homens nesta edição da pesquisa que é feita desde 2009, veio para sentir as impressões do gênero sobre o tema e o resultado impressionou. "No Brasil a cada quatro minutos uma mulher é vítima de violência doméstica e a cada minuto uma morre em função disso. Temos que erradicar esse comportamento da sociedade. A pesquisa mostra que a mulher acha normal que isto aconteça. O primeiro passo é a mulher acordar desta situação. Tem que perceber e contar esta história para alguém", ressaltou.

Carência Não era para ser assim. Mas o Detran não possui sequer um elevador de carros onde possa realizar as vistorias exigidas pelo Código Nacional de Trânsito. Para efetivá-las recorre aos elevadores das empresas terceirizadas que as cede para agilizar os processos de transferência. Uma Elevacar simples não custa mais do que R$ 2 mil. Basta separar as taxas recebidas em apenas um dia para comprar uma fileira deles. Prêmios Em apenas seis meses de funcionamento o Amapá Garden Shopping realiza seu primeiro Natal devendo atrair milhares de clientes em busca de compras pelos tradicionais presentes. A cada R$ 150,00 comprovados pela nota fiscal o cliente receberá um cupom que lhe dará direito concorrer aos sorteios de dois carros, um SUV Renault Duster e outro Sandero. Vantagem para quem fizer maior gasto, tendo mais cupons em mãos aumentando em muito as chances de levar para casa um carro da famosa marca francesa. Brasileiríssimos Muita gente deixou para a última hora para fazer o recadastramento biométrico exigido pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE-AP) que encerrou ontem às 21 horas e deu no que deu: filas intermiáveis e muita irritação dos eleitores – sem nenhuma razão. Atestando serem brasileiros natos, dois exemplos: o nosso prefeito de Macapá Clé-

cio Luís e o editor do JD Janderson Cantanhede, ambos deixaram para ontem suas obrigações, mostrando suas agendas lotadas como culpadas. Já o diretor executivo do JD Haroldo Pinto e o presidente do Conselho Administrativo do JD Padre Benjamim foram um dos primeiros a trocar o título analógico pelo eletrônico. Olha o golpe Aposentados devem estar atentos a golpe que tem se tornado recorrente nos últimos meses: uma correspondência sobre uma falsa Auditoria Geral da Previdência, convocando-os para uma "chamada para resgate". O alerta foi dado hoje (29) pela Previdência Social. Segundo a pasta, quatro pessoas se dirigiram a agências da Previdência Social para entender sobre o que se tratava. Sem contato A Previdência Social esclarece que não entra em contato com seus segurados por meio desse tipo de correspondência nem tem relação com planos de previdência complementar para segurados do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS). Alerta A Previdência Social também alerta a população para que não forneça os dados pessoais para terceiros, já que as informações podem ser utilizados para fins ilícitos, e lembra que não solicita dados pessoais dos segurados por e-mail ou telefone.

MINUTOS Feira na fronteira - No período de 12 a 15 de dezembro será realizada a I Feira Comercial de Oiapoque, ocasião em que comerciantes, empresários e artesãos daquele município terão oportunidades de mostrar seus produtos e vendê-los aos visitantes.


A4

Informe Publicitรกrio

Macapรก-AP, sรกbado, 30 de novembro de 2013


MACAPÁ-AP, SÁBADO, 30 de novembro de 2013

Geral

Casa é totalmente destruída pelo fogo no Santa Rita

Editor: Túlio Pantoja - tuliopantoja@jdia.com.br

B3

DE PORTAS FECHADAS

Sem previsão

Porto de Santana é importante, mas não tem B2 previsão para ser reformado

Atendimentos são suspensos na UBS Rubim Aronovitch B3

Projeto de plantio da cana-de-açúcar na Amazônia acende alerta no Senado Relatório publicado por Capiberibe aponta que as dubiedades de interpretação geradas no projeto causariam consequências negativas Jéssica Alves

Da Reportagem

C

om o objetivo de estimular o comércio internacional de bicombustíveis e demais produtos oriundos da cana-de-açúcar, além de estabelecer a concessão de crédito rural e agroindustrial à produção e industrialização da cana-de-açúcar em áreas definidas, o projeto de lei nº 626/2011 de autoria do senador Flexa Ribeiro (PSDB-PA), altera o zoneamento que proíbe o cultivo da cana nos biomas Amazônia e Pantanal e na Bacia Hidrográfica do Alto Paraguai. No projeto, que foi aprovado no mês de maio, o senador argumenta que o zoneamento agroecológico da cana-de-açúcar, ao excluir de seus estudos técnicos os biomas Amazônia e Pantanal e a Bacia do Alto Paraguai das áreas passíveis de se realizar a expansão dessa cultura, ignora a existência, na Amazônia Legal, de consi-

deráveis áreas dos biomas Cerrados e Campos Gerais e de áreas alteradas onde poderiam ser implantadas usinas de etanol para o abastecimento do mercado nacional e internacional. Entretanto, senador João Alberto Capiberibe (PSB-AP) argumenta contrariamente a decisão o parlamentar paraense. Segundo Capiberibe, as dubiedades de interpretação geradas pelos conceitos equivocados utilizados no Projeto causariam graves consequências socioambientais negativas para a Região Amazônica e resultariam na repetição de um modelo de desenvolvimento atrasado e não condizente com os desafios contemporâneos colocados pela realidade das Mudanças Climáticas no mundo. “As dubiedades de interpretação geradas pelos conceitos equivocados utilizados no Projeto causariam graves consequências socioambientais negativas para a Região Amazônica e resultariam na repetição de um modelo de desenvolvimento atrasado e não condizente com os desafios contemporâneos colocados pela realidade das Mudanças Climáticas no mundo”, afirma Capiberibe, em seu relatório. Ele afirma ainda que O texto aprovado libera o “cultivo sustentável de cana-de-açúcar em áreas alteradas e em campos gerais situados na Amazônia Legal”. O projeto não explica o que são “áreas alteradas”, mas tudo indica que se refere às áreas de

desmatamento já consolidado que não precisam ser reflorestadas pelo novo Código Florestal. Já os “campos gerais” são áreas de bioma Amazônia onde a vegetação se parece com uma savana. Essas áreas são comuns principalmente em Roraima e na ilha de Marajó. Segundo o projeto, o Brasil só barrou a produção de cana na Amazônia porque cedeu à “forte pressão internacional”. O texto argumenta que o zoneamento prejudica a economia de Estados como o Pará e Roraima, que têm regiões com “alta aptidão para o plantio de cana-de-açúcar”. No entanto, a aptidão da Amazônia para a cana não é um consenso. Muitas pesquisas apontam que, por causa do clima na região, a produtividade da cana é muito menor na Amazônia do que em outras partes do país. Além disso, há o risco de monoculturas de cana empurrarem outras atividades, como a pecuária, para a floresta, o que pode impulsionar ainda mais o desmatamento. O senador complementa que outro aspecto importante da proposição, pouco aprofundado nas Comissões que antecederam a esta Comissão de Ciências, Tecnologia e Inovação, Comunicação e Informática (CCT), é referente à segunda parte da proposta. A expansão pretendida para o cultivo da cana-de-açúcar não fica restrita às áreas alteradas na Amazônia Legal. A estas são acrescidos os Biomas Cer-

Projeto será votado na terça-feira

DIVULGAÇÃO

SENADOR JOÃO CAPIBERIBE: relatório mostrou que plantação será danosa para a floresta

rado e Campos Gerais da Amazônia Legal. “Observa-se que o projeto apresenta outro equívoco conceitual, pois não existe o “Bioma Campos Gerais” como denominação técnica. O Bioma Amazônia é composto pelos biomas: cerrado, pantanal e floresta. O que existe são várias tipologias de vegetação abertas, mapeadas. Se considerarmos somente estas formações campestres, o total de hectares passíveis de cultivo da cana de açúcar no Bioma Amazônia aproxima-se dos 60 milhões de hectares. Essa denominação (“bioma campos gerais”) demonstra a extrema fragilidade técnica e conceitual do projeto, que pos-

Marta Bezerra

T

S

erá votado na Comissão de Ciência, Tecnologia, Inovação, Comunicação e Informática (CCT), em audiência na terça-feira (3), projeto que autoriza o plantio de cana-de-açúcar na Amazônia Legal. O texto prevê o cultivo em áreas já desmatadas de floresta e ainda em todas as situações nos biomas cerrado e campos gerais. De acordo com o projeto (PLS 626/2011), o plantio de cana na Amazônia Legal só poderão ser ocupadas áreas que estejam degradadas ou já tenham sido convertidas em pastagem até 31 de janeiro de 2010, situação que deve ser comprovada pelo órgão ambiental res-

ponsável. O texto determina que seja criado regulamento para definir condições, critérios e vedações para a concessão de crédito para cultivo de cana-de-açúcar e produção de açúcar, etanol e outros biocombustíveis e derivados, na Amazônia Legal. Com a proposta, o autor, senador Flexa Ribeiro (PSDB-PA), quer ampliar as áreas de cultivo de cana, para estimular a produção de etanol e possibilitar o atendimento de crescentes demandas pelo combustível. O relator na CCT, senador Ivo Cassol (PP-RO), manifestou apoio à proposta, por considerar injustificada a restrição do

plantio de cana-de-açúcar na Amazônia Legal, determinada pelo Decreto 6.961/2009, que estabeleceu o zoneamento agroecológico da cultura de cana. Ivo Cassol considera a cultura de cana “estratégica” para a Região Norte. O projeto já havia sido aprovado pelas comissões de Agricultura (CRA), Desenvolvimento Regional (CDR) e de Meio Ambiente (CMA) e tramitava em Plenário, onde recebeu uma emenda e requerimento para exame na CCT e na Comissão de Assuntos Econômicos (CAE). Após o exame pela CCT, a proposta seguirá para a CAE e depois volta à CRA, CDR e CMA, para exame da emenda de Plenário.

Trabalho Escravo Capiberibe aponta ainda em seu relatório que outro grave problema está relacionado à indústria de cana de açúcar: utilização de mão-de-obra de crianças e pré-adolescentes no trabalho escravo. “Quase sempre os pais são coniventes com tal exploração. No Nordeste brasileiro, por exemplo, crianças e adolescentes estão presentes em mais

de 11 atividades econômicas. Destas, a colheita da cana-de-açúcar é a principal atividade onde o trabalho infantil está envolvido, um fator extremamente relevante mediante a apreciação desse Projeto de Lei em análise”, completa. O relatório completa que a junção desses dois fatores explosivos: por um lado, a complexidade das ameaças de aumento do desmatamento do bioma Amazônia e a sua vulnerabilidade socioambiental e, por outro lado, o alto poder predatório da indústria da cana, exige extrema atenção e responsabilidade do Poder Público e, especialmente, da CCT do Senado Federal.

Nosso desafio é elevar a produção rural, diz novo chefe da Embrapa Da Reportagem

OUTRO QUE TAMBÉM levantou a bandeira do “NÃO”, foi o senador Randofe Rodrigues

sui potencialidade de ampliar significativamente a pressão de desmatamento na Região Amazônica e de ame na Região Amazônica e de ameaçar a biodiversidade dessa região estratégica para o futuro do Brasil”, afirma.

omou posse ontem, Jorge Yared, novo chefe-geral da Embrapa (Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária). Aos 64 anos, Yared apresentou uma proposta de gestão em parceria com as políticas públicas já implantadas pelo Executivo Estadual, com o objetivo de elevar a produção rural amapaense. Ele ficará no cargo por três anos, que poderá ser renovado por mais três. Yared disse que tem como planos de trabalho à frente da Embrapa Amapá as áreas da pesquisa, desenvolvimento e inovação, transferências de tecnologias, articulações internacional e interinstitucional e ações administrativas. “O Amapá está no rumo certo para aumentar a sua produção de alimentos. As

políticas de fomento como o Programa Territorial de Agricultura Familiar (Protaf), o Programa Estadual de Desenvolvimento da Pesca e Aquicultura (Propesca), Programa de Desenvolvimento da Produção Extrativista do Amapá (Proextrativismo) e as Concessões Florestais, vão de encontro às pesquisas que a Embrapa/Amapá desenvolve e que pode transferir a tecnologia para alavancar essas políticas”, ponderou Yared. Nascido em Alenquer no Pará, Yared é graduado em Engenharia Florestal e possui Mestrado e Doutorado em Ciência Florestal. Trabalhou como pesquisador da Embrapa do Pará foi professor do curso de Doutorado em Ciências Agrárias/ Agroecossistemas, além de ter sido Chefe Geral da Embrapa do Pará. O presidente da Embrapa, CELIANE FREITAS

YARED DISSE QUE tem como planos de trabalho à frente da Embrapa Amapá as áreas da pesquisa, desenvolvimento e inovação.

Mauricio Antônio, esteve em Macapá participando da cerimônia. Ele considerou a posse um momento importante para a organização, servindo de reflexão sobre os novos desafios a ser superados. Já Yared disse que achou interessante saber que no Amapá tem uma rede de pesquisa implantada. “Isso nos permitirá com certeza ampliar nossa possibilidade de trabalho aqui”, disse. Yared considerou várias áreas de relevância como foco de trabalho, entre elas, o uso da biodiversidade, o manejo florestal madeireiro e não madeireiro como sendo importantes para a utilização em sistemas de produção agrodiversos. A Embrapa Amapá atua em todo o território do estado e estuário amazônico, com uma equipe formada por 99 empregados, entre pesquisadores, analistas, técnicos e assistentes. A Embrapa Amapá atua em parceria com os governos, instituições de pesquisas científicas e tecnológicas, instituições representativas de agricultores, de extrativistas, comunidades indígenas, escolas famílias rurais agrícolas e agroextrativistas, e instituições de ensino públicas e privadas, além de projetos em parceria com outras Unidades da Embrapa no país.


B2

Dia-Dia

Macapá-AP, sábado, 30 de novembro de 2013

Porto de Santana é importante, mas não tem previsão para ser reformado

Dificuldades foram discutidas durante seminário que abordou infraestrutura dos portos e rodovias do Amapá Karina Rodrigues e Larissa Cantuária Da Reportagem

O

Porto de Santa voltou a ser apontado como rota de escoamento dos grãos produzidos no Mato Grosso, segundo afirma o coordenador-geral de Obras do Departamento de Portos Fluviais e Lacustres, João Affonso Dêntice. Ele apresentou a alternativa ontem (29), durante o Seminário “Os Caminhos da Amazônia – banda larga, portos, rodovias e aeroportos”, no Plenário da Assembleia Legislativa. O coordenador informou que a produção do Mato Grosso é exportada pelos portos do Sul e Sudeste do país, mas essa possibilidade apresenta problemas logísticos. São altos os valores dos fretes para os produtores e as rodovias ficam congestionadas com os caminhões das cargas. “Para resolver essa questão, estão sendo feitos estudos pela Secretaria de

Portos e o Ministério dos Transportes para que o escoamento da safra seja pela Amazônia, passando pelo Porto de Santana”, disse. Apesar do interesse do Governo Federal para que a produção de grãos mato-grossenses seja feita pelo Amapá, é necessário haver infraestrutura rodoviária e portuária. “Temos projetos para ampliar e reformar o Porto de Santana, mas ainda não tem nada garantido para o início das obras”, afirma o coordenador. A ampliação do porto também traz outras oportunidades no crescimento da economia. Entre elas, está a vinda de outras cargas para o Amapá. “Antes, só poderia movimentar carga de uma terceira pessoa no terminal próprio. Hoje em dia, com a Lei 2.815/2013, qualquer empresa pode pedir a autorização de uma área, desde que seja fora da área do terminal público, e fazer o seu terminal”, destaca Dêntice. Rodovias Durante o seminário, também se discutiu sobre as rodovias do Amapá. Com a pavimentação da BR 156/ trecho sul, será facilitado o escoamento da produção na região, já que com a conclusão das obras previstas para 2015, o Amapá deixará de ser isolado por rodovias. Segundo o secretário de gestão do Ministério dos

DIVULGAÇÃO

O

que era trazer para a mesa de debates o tema que atinge mais diretamente a sociedade, que é a movimentação da economia com a abertura de novas frentes e oportunidades de trabalho. Santana abriga o mais estratégico porto, geograficamente mais próximo da Europa e outros centros. Mato Grosso é o estado com quem o Amapá trava diálogo mais estreitos. Ele dá sinais de que está propício à interação comercial, o que propiciou diversos diálogos e troca de visitas entre os governos e empresários dos dois estados. Mato Grosso é um grande produtor e exportador de produtos como soja e grãos, e com maior interesse de investir no Amapá, pela localização portuária, que facilita o escoamento dos produtos e reduz os custos. Durante o Seminário, ficou visível a in-

AMPLIAÇÃO DO PORTO também traz outras oportunidades

Transportes, Miguel de Souza, a interligação do Amapá através de rodovias do Pará e da Guiana Francesa, através da ponte binacional, almeja uma melhora na escoação de produtos. “No Amapá, pretendemos não só fazermos investimentos nas rodovias, mas também trazermos melhorias para os portos, que tem grande importância na escoação da produção”. O secretário também ressaltou que, com esses investimentos nos transportes fluvial e rodoviário, o Amapá terá um melhor tráfego de pessoas e de produtos. Isso promete aumentar as relações comerciais de exportação e alavancar a economia local. A partir da assinatura do convênio, o Governo Fede-

ral passou as obras da BR 156 para o Governo do Estado, que deverá lançar o edital de licitação para a escolha da empresa que fará a pavimentação da rodovia, através da Secretária de Transportes do Estado. As obras estão previstas para começar no verão de 2014. De acordo com informações da Secretaria de Transporte do Estado do Amapá, após o convênio ter sido assinado na manhã da última quinta-feira, 28, será feito um levantamento técnico e ambiental no primeiro trecho da obra, que começa a partir do quilômetro 21, onde serão pavimentados 61 quilômetros, ao custo de R$ 214,8 milhões. A obra será dividida em quatro etapas que correspondem a 271 quilômetros de pavimentação.

tenção de investimentos de empresários, o que já rendeu a implantação de três silos em Santana, que estão em construção. Para o diretor-presidente da Cianport, Cláudio Zancanaro, o Porto de Santana é a saída economicamente mais viável para os produtos graneleiros. As vantagens atraíram para o município o investimento de R$ 130, dos R$ 200 milhões que a empresa está disponibilizando para o Amapá e Pará. Estão em construção na Docas, um terminal de transbordo com três silos com capacidade para armazena 58 mil toneladas de grãos. “Depois de pronto, serão gerados cerca de 200 empregos diretos. Nosso próximo passo é investir no Porto Graneleiro na Ilha de Santana, que depende da licença ambiental”, disse.

João Afonso Dentice, que veio representar o Ministério dos Portos, falou que a visita ao Amapá confirma o que dizem os estudos sobre a viabilidade econômica da região Norte a partir do Porto de Santana. “Há interesse dos governos, autoridades, empresário e sociedade, agora tem que ser criada de uma agenda positiva com as prioridades que devem ser tiradas do papel com mais urgência”, disse. O secretário de estado de Indústria, Reinaldo Picanço, informou que o governador Camilo Capiberibe disponibilizou os recurso para os projetos de captação. Para a deputada Fátima Pelaes, o seminário foi de grande importância porque comprovou que todas as forças necessárias estão unidas para que os investimentos cheguem o mais emprego e renda”, falou.

Pedagogos realizam ação social no Infraero hoje

A

Zona Norte de Macapá recebe hoje (30), atividades educativas e serviços de utilidade pública no evento intitulado Pedagogos em ação: contribuindo com o social, realizado por acadêmicos do 8º semestre do curso de Pedagogia da Universidade do Estado do Amapá (Ueap). A ação se concentrará na Escola Estadual Esther da Silva Virgolino, no bairro Infraero, das 9h às 14h. Cerca de duas mil pessoas são esperadas na ação social que faz parte da disciplina Eventos e Projetos Socioeducacionais. A atividade objetiva contribuir na formação dos acadêmicos do curso de Pedagogia, no aperfeiçoamento profissional, através da atuação articulada e necessária com pessoas físicas, jurídicas e instituições parceiras para benefício da comunidade local. A metodologia de trabalho é a da aprendizagem cooperativa. Os alunos serão organizados em gru-

Bastidores da notícia

RODOLFO JUAREZ

Jornalista rodolfojuares@gmail.com ASSALTOS A população está apavorada com essa onda de assalto por qual está passando Macapá e seus arredores. Agora até os ônibus estão ameaçando parar às 23 horas porque o risco de assalto depois desse horário cresceu demais. As invasões de domicílio estão cada vez mais frequentes e são realizadas a qualquer hora do dia ou da noite. O trauma dos habitantes da cidade já é muito grande.

Posição portuária estratégica atrai investimento de R$ 200 milhões Seminário dos Portos, que discutiu as perspectivas e impactos econômicos com a implantação de negócios no Amapá, trouxe para o município de Santana, autoridades, empresários e representantes da sociedade civil, interessadas no assunto. A esperança é que os novos empreendimentos que possam se instalar no estado, atraídos pelas vantagens geográficas do Porto de Santana, transformem o município no mais viável economicamente do estado. João Afonso Dentice, coordenador-geral de Portos Fluviais da Secretaria de Portos da Presidência da República, não descarta esta possibilidade. Em parceria com a Cia Docas, Governo do Estado, e Prefeitura e Câmara de Santana, a Comissão ajudou a alcançar meta do Seminário,

Editor: Túlio Pantoja - tuliopantoja@jdia.com.br

TRAPICHE ELIEZER LEVY Tido como um dos principais pontos de visitação, tanto para os que aqui chegam, como por aqueles que aqui moram, está sendo ocupado por viciados. A denúncia está sendo feita todos os dias pelos meios de comunicação social, inclusive as redes sociais. O local se tornou inseguro e tem servido como local para viciados em drogas, especialmente o crack. NAVEGAÇÃO A Capitania dos Portos do Amapá recebeu reforços e orientação para fiscalizar as embarcações que chegam e saem, vindo das ilhas das proximidades da capital e saindo de volta para aqueles locais. A fase, segundo um dos agentes, é educativa, onde pretendem conscientizar proprietários, tripulantes e passageiros, das condições em que deve estar a embarcação para fazer a viagem. Antes tarde do que nunca! SAÚDE Continua o mesmo problema a marcação de consulta e o atendimento das pessoas nas unidades de saúde do sistema do Estado. Nem os hospitais, nem os postos médicos melhoraram a condição de atendimento. O Pronto Socorro continua deixando os pacientes pelos corredores, onde falta tudo, inclusive pessoal de apoio para a higienização do local e dos pacientes que esperam atendimento. PASSE SOCIAL ESTUDANTIL O governador do Estado enviou para a Assembleia um projeto de lei tratando do Passe Social Estudantil e de um fundo - o Fundo Estadual do Passe Estudantil – com onde recebeu o carimbo de “urgência”. Votado e aprovado na quarta-feira, e já deve ser publicado nesta sexta para entrar em vigor. Pelas informações obtidas, pelo menos 10 mil estudantes, de cara, receberão o benefício. PASSE LIVRE Por outro lado, desde o dia 26 de setembro de 2006, quando foi publicado no Diário Oficial do Estado, a Lei Complementar n. 039/2006, que está garantida a gratuidade dos transportes coletivos urbanos aos estudantes dos estabelecimentos de ensino situado nas sedes municipais, com a colaboração técnica e financeira do Estado e dos Municípios. Essa lei aguarda, até agora, a regulamentação de cada prefeito municipal.

AÇÃO VAI atender das 9 às 14 horas moradores do Infraero oferecendo diversos serviços

pos, possibilitando a interdependência positiva, participação igualitária, responsabilidade individual e a interação face a face. São parceiros da ação: Mi-

nistério Público, Defensoria Pública, Secretaria de Ciência e Tecnologia, Corpo de Bombeiros, Hemoap, Prefeitura de Macapá, Secretaria Municipal de Saúde,

Comissariado do Menor, Conselho Tutelar, Senac, Instituto Mix, Academia Oxigênio, DST/Aids, Proler/ Semed e curso de Enfermagem da Unifap.

AUMENTO NA TARIFA DE ENERGIA O presidente da Companhia de Eletricidade do Amapá, Francisco Almendra, confirmou que, a partir do dia primeiro de dezembro, domingo, os consumidores de energia elétrica fornecida pela CEA, estarão pagando mais 28,67%, corresponde a um aumento

autorizado pela Aneel, com a alegação de que há 10 anos a tarifa não era atualizada. Vale para todos os consumidores: doméstico, comercial e industrial. E a promessa da presidente Dilma era reduzir o preço. A POSIÇÃO DOS REPRESENTANTES Os representantes, deputados estaduais e deputados federais, até agora permanecem calados e nem atentam para o fato de que a população já está pagando o empréstimo de 1,4 bilhão de reais feitos junto a um banco federal e repassado para a Eletronorte e outros credores, como INSS. A deputada Dalva Figueiredo (PT) foi a responsável pela indicação dos presidentes durante os dez anos de treva e um dos indicados foi o deputado estadual Joel Banha (também PT). CONFESSOU A ex-prefeita de Laranjal do Jari, no Amapá, Euricélia Cardoso, confessor o crime de probidade administrativa ao usar R$ 1,3 milhão de um convênio destinado a obras de abastecimento de água no município para quitar o salário dos servidores em outubro de 2012. A afirmação da ex-prefeita aconteceu na quarta-feira (27), um dia depois de ser colocada em liberdade. NATAL Há 25 do Natal a população já se prepara para as festas. A maioria projeta dificuldades por causa do endividamento que se abate sobre o seu salário. Muitos já desistiram de quitar as contas e já sabem que vão passar o Natal e iniciar o ano de 2014 devendo. A falta de emprego tem sido alegada como um dos principais motivos para a situação que enfrenta as famílias mais pobres. TAXISTAS Os taxistas não estão contando muito com a motivação dos passageiros para pagar “bandeira 2” durante o mês de dezembro. Uma lei, conhecida como “Décimo Terceiro do Taxista” que autoriza o profissional a usar a tarifa mais alta durante esse mês. Alguns taxistas afirmam que este ano não vai funcionar por causa das dificuldades alegadas pelos passageiros que já negociam as corridas para poder entrar no taxi. PIER DO SANTA INÊS O píer da orla do bairro Santa Inês, que começou em janeiro de 2011, até com promessa de ser concluído no final de 2012, até agora não foi entregue e, pior, está muito atrasado, não só no cronograma como também com a folha de pagamento dos seus funcionários que, por causa disso, resolveu cruzar os braços. O contratante, o Governo do Estado, apesar de ser o dono da obra, diz que nada tem a ver com o atraso. NÃO DEU CERTO A junta médica da Câmara que examinou o deputado licenciado José Genoíno (PT) apresentou na quarta-feira, dia 27, laudo médico que diz que o petista não possui doença que justifique aposentadoria por invalidez. Com a decisão, o petista condenado a 6 anos e 11 meses de prisão por participar do esquema do mensalão deverá enfrentar processo de cassação do mandato parlamentar.


Geral

Macapá-AP, sábado, 30 de novembro de 2013

B3

Editor: Túlio Pantoja - tuliopantoja.com.br

Casa é totalmente destruída pelo fogo Segundo o morador, foram necessários apenas dez minutos para que o fogo destruísse a residência Fábio Gomes Da Reportagem

I

ncêndio ocorrido por volta das 15 horas de ontem, na Rua Israel Marques, no bairro Santa Rita, destruiu uma casa de madeira. Fumaça do incêndio podia ser vista ao longe. Vizinhos que detectaram o foco acionaram o Corpo de Bombeiros. Igor Ribeiro dos Santos, proprietário que não estava no local, no momento do incêndio, compareceu pou-

cos minutos depois ao receber a notícia. “Eu levei cerca de dez minutos para chegar até aqui. Tudo se perdeu e nada pode mais ser retirado. Foi tudo muito rápido. Quando me ligaram o fogo já estava consumindo tudo, não pude fazer mais nada. Perdi roupas, geladeira, toda a minha casa que lutamos anos para termos. Só o cachorro escapou”, disse. No momento do incêndio, várias pessoas estavam no local, entre elas, familiares e curiosos que ainda tentaram ajudar jogando baldes com água para tentar diminuir o fogo. O local foi interditado pelo Corpo de Bombeiros. A ação foi rápida. Após a chegada, os militares fizeram logo o trabalho de contenção, já que as chamas haviam consumido boa parte da estrutura da casa. Para o capitão Mateus Al-

meida, do CBM, o material foi rapidamente destruído devido a ser composto de madeira o que facilita o processo de combustão. “Os esforços foram empregados, fomos rápidos na ação, mas o fogo já estava aumentando de tal forma que não podemos conter. A principal causa dessa propagação tão rápida é o efeito de combustão gerado pela madeira que é um material inflamável e ainda mais nessa época de sol, calor com madeira seca é a mistura ideal para um incêndio”, explicou. Não foi identificada no primeiro momento qualquer causa do incêndio. Vizinhos que estavam no local falaram que tudo se iniciou com uma pequena chama e depois cresceu muito rápido. O local passará por perícia para se constatar os motivos do mesmo.

CELIANE FREITAS

MORADORES ainda tentaram, mas não conseguiram controlar as chamas

Atendimentos são suspensos na UBS do Santa Inês Ramayana Torres Da Reportagem

A

Unidade Básica de Saúde (UBS) Rubim Aronovitch, localizada no bairro Santa Inês, em Macapá, amanheceu alagada ontem (29). A chuva do dia anterior acompanhada de um vento forte teria afastado uma quantidade significativa de telhas da instituição, inundando a recepção e os corredores do primeiro andar do prédio. Os atendimentos foram suspensos no local. Segundo o diretor da UBS, Edilson Dias, esta é a primeira vez, em sua gestão, que ocorre um alagamento na unidade. “Nós sofríamos com a falta de medicamento, materiais para curativo. Muitas vezes até tive que tirar do meu bolso para ajudar um paciente. Agora não posso fazer isso para reformar o prédio, infelizmente. Precisamos de ajuda, pois está foi apenas uma chuva, a situação vai piorar no inverno”, relata. Para Raimundo Trindade,

representante da comunidade de Santa Inês, há exatos seis anos, a UBS Rubim Aronovitch sofre com esse descaso. “Esta é a primeira vez que alaga no mandato de Edilson, mas, nos outros mandatos isso era costumeiro. Há dez anos, esta unidade de saúde era referência em atendimento às comunidade vizinhas, e atualmente está entregue ao Deus dará”, comenta indignado. Sobre os atendimentos, Edilson Dias, diz que devem retornar normalmente na próxima segunda-feira (2). “Temos o final de semana para deixar tudo organizado para continuar com os atendimentos às pessoas. Espero que a chuva não venha a ser uma ameaça novamente”, aponta o diretor da unidade. De acordo com Armando Bueno, engenheiro civil da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), um primeiro cuidado que se deve ter em mente é criar um desnível entre a parte interna e externa da construção. “Tomando esse

VIII Semana Nacional de Conciliação inicia nesta segunda-feira

N

esta segunda-feira a Justiça do Amapá dará início a VIII Semana Nacional de Conciliação. O evento coordenado pelo CNJ acontecerá no Amapá no período de 2 a 7 de dezembro. A abertura será no Fórum de Macapá, às 8h00. Já estão agendadas cerca de 3.000 audiências conciliatórias. A Desembargadora Sueli Pini, Presidente do Núcleo de Conciliação da Justiça do Amapá, ressaltou que esse número ainda pode aumentar. É que na fase de instrução processual, as partes podem optar pela conci-

liação. “A grande queixa das pessoas quando vão a Justiça é que elas entram mudas e saem caladas. Os advogados é quem falam por elas. Muitas pessoas não sabem que podem conciliar, que podem ser ouvidas. Acham que após entrar com o processo, só tem um caminho: aguardar a sentença do juiz. E não é isso”, destacou. No Amapá, de Norte a Sul do Estado magistrados, servidores e colaboradores estarão reunidos na VIII Semana Nacional de Conciliação. Serão cerca de 600 pessoas envolvidas com uma única causa: conciliar.

FOTOS CELIANE FREITAS

A CHUVA DO DIA ANTERIOR acompanhada de um vento forte teria afastado uma quantidade significativa de telhas da instituição

cuidado, teríamos o isolamento das águas que podem se acumular devido à grande vazão momentânea de chuva, evitando muita dor de cabeça”, destaca. Ainda segundo o engenheiro, erros e falta de

manutenção nas construções são os fatores responsáveis por este tipo de ocorrência. “Cada tipo de telha exige uma inclinação diferente, que deve ser respeitada, de maneira que durante as chuvas torrenciais, não

exista a possibilidade de infiltração por elas. Um cuidado adicional interessante é a utilização de uma manta subcobertura sob o telhado. Ela garante o isolamento do prédio na ocorrência de um pequeno vazamento”, expli-

ca Armando Bueno. A direção da unidade destacou que serão realizadas algumas manutenções mais urgentes neste final de semana. Dentre elas, as trocas de lâmpadas e recolocação de telhas.

Abandono do Parque do Forte é discutido em sessão na Assembleia Legislativa

C

riado em 2006, a Praça do Forte conhecida popularmente como lugar bonito, hoje vive em um total abandono. Furtos, roubo, brigas, consumos de drogas além de escuridão. Essas são reclamações constantes de quem frequenta o local. Está semana, a deputada estadual Sandra Ohana (PP), recebeu inúmeras reclamações dos usuários. De acordo com as informações o vandalismo tomou conta do local que um dia foi orgulho dos amapaenses. “Nossas praças no geral precisam de atendimentos, porém o Lugar Bonito como é chamado virou um cartão postal de nosso Estado, temos a obri-

gação e dever de cuidar desse espaço. Precisamos resgatar e tirar esse local das mãos dos vândalos”, relata Ohana. Além do abandono, a falta de iluminação facilita a prática de assaltos, furtos e roubos. Leidiane Mara é freqüentadora assídua do local, ela conta que o policiamento não é feito como deveria. “ No lugar dificilmente é possível ver um policial. os que aparecem ficam somente pelos arredores da fortaleza de Macapá. Outro ponto crucial é a falta de iluminação pública que facilita a prática de crimes no lugar que deveria ser de lazer e família”- lamenta. Várias pessoas que caminham na orla de Maca-

ALÉM DO ABANDONO, a falta de iluminação facilita assaltos e furtos

pá, cedo da manhã, reclamam da falta de segurança no local. “O policiamento deve e precisa ser diariamente em todos os horários. Já escutei relatos de pessoas que foram assaltadas às

seis da manhã”- destaca uma moradora. A deputada Sandra Ohana encaminhou nesta semana documentos para órgão competentes, pedindo a limpeza e policiamento no local.


B4

Geral

Macapá-AP, sábado, 30 de novembro de 2013 Editor: Pablo Oliveira - pc.oliveira@jdia.com.br

Criminoso que atuava no Perpétuo Socorro é preso pela polícia

Pitauã é acusado de ter cometido diversos crimes de assaltos, praticados a transeuntes nos bairros Perpetuo Socorro e Cidade Nova

Alyne Kaiser

da redação

J

osenildo dos Santos Almeida, mais conhecido como “Pitauã”, foi preso na manhã desta sexta-feira (29) por agentes da Delegacia de Crimes Contra o Patrimônio (Deccp) comandados pelo delegado Glemerson Arandes. Pitauã é acusado de ter cometido diversos crimes

de assaltos, praticados a transeuntes nos bairros Perpetuo Socorro e Cidade Nova. “Ele já foi reconhecido por diversas vitimas e indiciado em três inquéritos aqui na delegacia. Representamos pela prisão preventiva que foi atendida pelo juiz. Agora, ele irá para aguardar julgamento na prisão”, disse Glemerson.

Rádio Escola Força Jovem é inaugurada na Irineu da Gama Paes

FOTO: DIVULGAÇÃO

A RÁDIO Escola da Irineu da Gama Paes é a primeira a receber o projeto rádio web

Agência Amapá

O

correu no último dia, 28, na Escola Estadual Irineu da Gama Paes, a inauguração da Rádio Escola Força Jovem, que será coordenada por alunos capacitados pelo projeto Fala Juventude nas Escolas, coordenado em parceria com a Secretaria Extraordinária de Políticas para a Juventude (Sejuv), Secretaria de Estado da Educação (Seed) e Secretaria de Estado da Comunica-

ção (Secom). “A Rádio Escola Força Jovem será administrada por jovens aptos e capacitados para realizarem transmissões e produções radiofônicas”, informa o secretário da Juventude, Alex Nazaré. A Rádio Escola da Irineu da Gama Paes é a primeira a receber o projeto rádio web, que tem como objetivo levar transmissões realizadas na instituição para a ferramenta da internet. “A meta é garantir que as informações discutidas na escola saim da sua barreira

física e possam ser debatidas de forma contínua por alunos e sociedade”, enfatiza o coordenador do Fala Juventude nas Escolas, Waldemir Bola Júnior. Além da Irineu da Gama Paes, as escolas Raimunda dos Passos Santos, na Zona Norte de Macapá, Gabriel de Almeida Café, no Centro, e José do Patrocínio, no Distrito da Fazendinha, serão contempladas pelo projeto desenvolvido em pareceria com a coordenação do Fala Juventude nas Escolas e o Prodap.

Hospital de Emergência humaniza prestação de serviço com novo refeitório Agência Amapá

O

Hospital Estadual de Emergência (HE) passa a contar com um novo espaço para servir refeições a acompanhantes de pacientes internados e colaboradores da saúde lotados naquela unidade de saúde. O novo espaço nutricional está funcionando há duas semanas e criado para humanizar o atendimento ao público. A chefe do Serviço de Nu-

trição do HE, nutricionista Lucineide Tavares da Silva, explicou que o novo refeitório tem capacidade para atender até 60 pessoas por turno. O espaço é climatizado e dispõe de um calção térmico que mantêm as refeições em temperatura adequada. “Em breve, vamos instalar um televisor no refeitório para que todos possam aproveitar o máximo o tempo que levam para se alimentar aqui no hospital”, adiantou. Lucineide Tavares refor-

AV: Feliciano Coelho, 659 - Trem Tel: (96) 3242-9264 - CEP 68901-025 Site: www.notecomp.com.br Em frete ao Colégio Alexandre Vaz Tavares

çou que o refeitório oferece maior comodidade, conforto e espaço para atender acompanhantes de pacientes e profissionais da saúde. Ela informou que cada colaborador da Sesa tem direito a café da manhã, lanche, almoço e janta. Já o acompanhante de paciente internado recebe café da manhã, almoço e janta. Atualmente o Hospital Estadual de Emergência serve em média 1,4 mil refeições/dia.

O delegado afirmou que o criminoso sempre atuava da mesma forma, abordava as vitimas, principalmente mulheres, com uso de facas e simulacros de armas de fogo e levava o que conseguia. Na delegacia, o acusado garantiu que cometia os crimes somente para comprar bebidas alcoólicas e que nunca usou drogas ilíci-

tas. “Eu so roubava mesmo pra isso e confesso que cometi esses crimes. Agora, aguardar o que o juiz decidiu”, disse ele. Pitauã foi preso quando tentava fugir para a comunidade do Bailique. Ele disse que toda vez que cometia algum crime fugia para o interior do estado, onde costumava-se se esconder. Recentemente, esteve

Ronda Policial JOÃO BOLERO Da 99,1 FM

BLOG DO BOLERO

ESTATÍSTICA DAS MORTES VIOLENTAS DE 1/01 a 28/11 1º TRÂNSITO: com 103 óbitos 34 em Macapá; 16 na BR-156; 9 em Santana, 9 na Rodovia Duca Serra; 6 na BR-210; 5 na Rodovia do Curiaú, 5 na Rodovia Alceu Paulo Ramos; 4 Rodovia JK, 4 em Porto Grande; 2 no Paredão (Ferreira Gomes), 2 em Oiapoque; 1 em Ferreira Gomes, 1 em Cedro (Amapá), 1 na Perimetral Norte (Serra do Navio), 1 na Rodovia Salvador Diniz (Santana), Rodovia AP-010 (MCP/MZG), 1 na Perimetral Norte (Porto Grande), 1 no Igarapé da Fortaleza (Santana); 82 do sexo masculino e 21 do sexo feminino. 38 de moto, 34 de carro, 18 de bicicleta e 13 pedestres; Obs.: No mesmo período do ano passado foram 121 óbitos, 37 em Macapá. 2º ARMA BRANCA com 100 homicídios 39 em Macapá; 17 em Santana; 10 em Laranjal do Jari; 6 em Oiapoque; 3 em Lourenço (Calçoene), 3 no Distrito do Coração (MCP) e 3 em Porto Grande; 2 em Fazendinha, 2 na Ilha de Santana, 2 na Central do Maracá/MZG, 2 em Amapá; 1 em Calçoene, 1 no Paredão (Ferreira Gomes), 1 em Tartarugalzinho, 1 na Perimetral Norte (Porto Grande), 1 em Mazagão, 1 na BR-210, 1 na Rodovia Duca Serra, 1 em Ipixuna Grande (Itaubal), 1 em Vitória do Jari,1 Igarapé da Fortaleza (MCP), 1 Igarapé da Fortaleza (STN); 92 do sexo masculino 8 do sexo feminino. Obs.: No mesmo período do ano passado foram 114 homicídios sendo 44 em Macapá. 3º ARMA DE FOGO: com 98 homicídios (4 culposos) 56 em Macapá; 9 em Santana; 5 em Laranjal do Jari, 4 em Oiapoque; 2 em Porto Grande, 2 em Ferreira Gomes, 2 no Igarapé da Fortaleza (Santana), 2 no Distrito do Coração, 2 em Fazendinha, 2 na Rodovia JK, 2 em Tartarugalzinho; 1 no Distrito de Lourenço (Calçoene), 1 na Rodovia Duca Serra, 1 em Vitória do Jari, 1 em Serra do Navio, 1 em Cassiporé (Calçoene), 1 em Itaubal, 1 em Pedra Branca, 1 em Nova Colina (Porto Grande), 1 em Bailique, 1 no Cupixi (Porto Grande); 93 do sexo masculino e 5 do sexo feminino.

Obs.: No mesmo período do ano passado foram 109 homicídios, 71 em Macapá. 4º AFOGAMENTO: 81 óbitos 27 em Macapá; 9 em Santana; 4 em Bailique, 4 em Laranjal do Jari, 4 em Cutias do Araguari, ; 3 em Porto Grande, 3 em Oiapoque; 2 em Fazendinha, 2 em Mazagão, 2 em Tartarugalzinho; 1 no Abacate da Pedreira, 1 em Amapá, 1 em Pracuúba, 1 em Calçoene, 1 Maçaranduba (Tartarugalzinho), 1 no Curiaú Mirim, 1 na Tessalônica, 1 no Rio Macacoary, 1 no Igarapé da Fortaleza, 1 na Rodovia Duca Serra, 1 no Torrão do Matapi, 1 em Ilha Bela/ Oiapoque, 1 em Ferreira Gomes, 1 em Vitória do Jari, 1 em Cutias, 1 em Itaubal, 1 em Ferreira Gomes, 1 em Calçoene, 1 em Pacuí, 1 no Paredão (Porto Grande), 1 em Maracá /Mazagão; 64 do sexo masculino e 17 do sexo feminino; Obs.: No mesmo período do ano passado 61 óbitos, 18 em Macapá. 5º SUICÍDIO: com 48 casos 23 em Macapá; 8 em Santana; 3 em Vitória do Jari; 2 em Cutias, 2 em Porto Grande; 1 em Mazagão, 1 em Fazendinha, 1 no Ajudante ( Mazagão Velho), 1 em Ferreira Gomes, 1 em Amapá,1 na BR-210, 1 em Mazagão Velho, 1 em Oiapoque, 1 em Pedra Branca, 1 em Lourenço/ Calçoene; 38 por enforcamento, 5 por envenenamento, 3 por arma de fogo, 2 por esfaqueamento. 42 do sexo masculino e 6 do sexo feminino; Obs.: No mesmo período do ano passado foram 35 casos, 21 em Macapá. 6º PAULADA: 22 homicídios 13 em Macapá; 3 em Laranjal do Jari, 3 em Santana; 1 em Amapá ; 1 na Rodovia JK, 1 em Tartarugalzinho; 21 do sexo masculino e 1 do sexo feminino. Obs.: No mesmo período do ano passado 11 casos, 5 em Macapá. 7º TRAUMATISMOS DIVERSOS: 19 óbitos 6 em Macapá; 3 em Laranjal do Jari, 3 em Vitoria do Jari; 2 em Santana, 2 em Porto Grande; 1 na Rodovia Duca Serra, 1 em São Joaquim do Pacuí,1 em Tartarugalzinho; Todos do sexo masculino; Obs.: No mesmo período

escondido numa comunidade do Araguari, trabalhando numa fazenda. “Se eu soubesse que iriam me prender teria ficado lá mesmo e não colocaria os pés em Macapá”, disse. Quando menor, o criminoso já teria ido parar no Centro de Internação Provisória (CIP) onde respondeu por assalto, tentativa de homicídio e outros.

do ano passado foram 27 óbitos com 12 em Macapá 8º ASFIXIA: 09 óbitos ( 5 por homicídio e 4 por acidente doméstico) 6 em Macapá; 1em Pedra Branca, 1 em Calçoene, 1 em Amapá; Todos do sexo masculino. Obs.: No mesmo período do ano passado 9 casos, 3 em Macapá. 9º CHOQUE ELÉTRICO: 08 óbitos 4 em Macapá; 1 em Itaubal, 1 em Curicaca, 1 em Tartarugalzinho, 1 na Rodovia Duca Serra; 8 do Sexo masculino. Obs.: No mesmo período do ano passado 8 casos, 3 em Macapá. 10º POR CAUSA DESCONHECIDA: 07 óbitos ( 1 por homicídio) 5 em Macapá; 1 em Porto Grande e 1 na BR-156; Obs.: No mesmo período do ano passado 09 óbitos, 4 em Macapá. 11º AGRESSÃO FÍSICA: 06 óbitos 3 em Macapá; 1 em Vitória do Jari, 1 em Tartarugalzinho, 1 em Santana; 5 do sexo masculino 1 do sexo feminino; Obs.: No mesmo período do ano passado 02 óbitos em Macapá. 12º FETO: 06 óbitos 5 em Macapá; 1 em Santana; Obs.: No mesmo período do ano passado 02 caso, 1 em Mazagão e 1 em Santana. 13º QUEIMADURA: 05 óbitos 3 em Macapá; 2 Delta do Matapí; 4 do sexo masculino e 1 do sexo feminino. Obs.: No mesmo período do ano passado nenhum caso. 14º PICADA DE COBRA: 02 óbitos 1 em Macapá 1 em Porto Grande; 2 do Sexo feminino. Obs.: No mesmo período do ano passado nenhum caso. 15º ACIDENTE MARÍTIMO: 01 óbito 1 em Ajurupati (Mazagão) Sexo masculino. 16º RAIO: 01 óbito 1 em Ferreira Gomes; Sexo masculino. Obs.: No mesmo período do ano passado nenhum caso. No ano passado foram 10 por causas desconhecidas. No ano passado 3 mortes por acidente aéreo, 2 em Macapá e 1 na BR-156, 2 masculino e 1 feminino. 1 morte por linha de rabiola (semi-degolado), sexo masculino. 1 por envenenamento (homicídio culposo).


MACAPÁ-AP, SÁBADO, 30 de novembro de 2013

Geral

SOCIEDADE

AP vence MT e garante classificação a 2ª Divisão de basquete C2

Editor: Pablo Oliveira - pc.oliveira@jdia.com.br

Coral do TJAP

Elna Santana

É a mais nova Rainha da 25ª Agropesc do Amapá

C3

15ª Cantata Natalina, evento que todos os anos atrai milhares de pessoas e que sempre emociona com um show de cores, brilho, luzes e C4 vozes.

Comissão promete penalizar empresas que atrasam entrega de medicamentos

A medida visa o cumprimento legal do prazo de entrega estabelecido no processo licitatório, por parte das empresas que fornecem medicamentos

A

Comissão Especial de Apuração e Aplicação de Sanções Administrativas da Secretaria Estadual de Saúde, atua na notificação e penalização de fornecedores que atrasam sucessivamente a entrega

de medicamentos, já licitados e empenhados. A postura desses fornecedores reflete na demora do abastecimento de medicamentos nos hospitais. A medida visa o cumprimento legal do prazo de entrega estabelecido no processo licitatório, por parte das empresas que fornecem medicamentos. A partir da atuação da comissão, a Sesa aplica sanções administrativas aos fornecedores que não entregam os remédios no tempo determinado ou entregam apenas parte deles. De acordo com a secretária de Estado da Saúde, Olinda Araújo, a maioria das licitações e pregões da Sesa referentes à compra de medicamentos já foi concluída, mas a demora na entrega dos produtos vem atrapalhando os serviços nos hospitais da rede

pública. “A Sesa executa as licitações com celeridade, mas precisa que os fornecedores também façam a sua parte para que os usuários do Sistema Único de Saúde (SUS), que necessitam de medicamentos, não sejam penalizados”, ponderou. A determinação da secretaria em assegurar a entrega dos medicamentos dentro do prazo estipulado em edital recebe apoio do Ministério Público Federal (MPF), que deverá oficiar as empresas responsáveis pelo atraso, e já penalizadas pela Sesa. “A Sesa faz as suas fiscalizações no âmbito administrativo, concomitantemente, o MPF atua na notificação e apuração de crimes, previstos na lei das licitações, cometidos por esses fornecedores”, salientou Olinda Araújo. Paralelo a isso, a Secretaria de Saúde avança na

Semana de Ciência e Tecnologia premia os melhores projetos da área de iniciação científica Agência Amapá

A

s atividades da 10ª Semana Nacional de Ciência e Tecnologia do Amapá encerraram em clima festivo. O auditório da Universidade Estadual do Amapá (Ueap), na tarde da última quinta-feira, 28, ficou lotado para acompanhar a premiação dos melhores projetos de Feira de Ciências e do 4º Congresso Amapaense de Iniciação Cientifica. Com ações desde o dia 25 de novembro, a Secretaria de Estado de Ciência e Tecnologia (Setec) manteve uma programação exclusiva e diversificada, oferecendo ao público palestras, oficinas, minicursos, 1ª Mostra Amapaense dos Melhores Projetos de Feira de Ciências do Amapá e 4º Congresso Amapaense de Iniciação Cientifica. Já na primeira programação da 10ª SNCT, ocorrida no período de 21 a 25 de outubro, as atividades foram apresentadas no Instituto Federal do Amapá (Ifap), Sebrae, Ueap e Complexo Marco Zero do Equador. A Setec coordenou a programação, que contou com congressos, palestras shows, Feira de Ciências e Engenharia do Amapá, mini cursos, oficinas e atrações culturais. O evento reuniu pesquisadores, professores, acadêmicos e estudantes na apresentação dos resultados de suas pesquisas e projetos científicos, propiciando um ambiente de debates e discussões na busca de um intercâmbio de conhecimentos relativos à ciência. Para Antonio Claudio de

Carvalho, titular da Setec, o Amapá abraçou de vez a Ciência, Tecnologia e Inovação (CT&I), fortalecida pelos investimentos inéditos do Governo do Amapá. “Foi um ano espetacular, onde o ponto alto foi a credibilidade do governador Camilo Capiberibe em um assunto tão importante para o desenvolvimento e progresso do Amapá. Em 2014, vamos fortalecer ainda mais as nossas ações, expandindo a popularização da Ciência para todos os cantos do nosso Estado”, frisou. Prêmios A 1ª Mostra dos Melhores Projetos de Feira de Ciências foi bem aceita pela comunidade estudantil da rede estadual e privada de ensino. A finalidade é agregar os melhores projetos realizados pelas escolas, aqueles que alcançaram destaques em eventos locais, regionais e nacionais. A Setec ofereceu para o primeiro e segundo colocado, um notebook e um vale-livro no valor de R$ 400. O orientador foi premiado com um tablet. O projeto “Não en-

tre Pelo Cano: Seja Sustentável”, da Escola Núcleo de Educação Integrada, foi o grande vencedor. A Escola Estadual Ester Virgulino ficou em segundo lugarf, com o projeto “Tecnologias Assistida: O uso da robótica para pessoas com pouca mobilidade”. Do terceiro ao oitavo colocado, a Setec disponibilizou medalhas e um vale-livro no valor de R$ 400. Porém, todos os participantes ganharam medalhas pela participação e um Almanaque do Ciência em Show. O 4º Congresso de Iniciação Cientifica visa incentivar e estimular o desenvolvimento da vocação para os campos da ciência e tecnologia em alunos de graduação e pós-graduação e promover a troca de experiências e informações científicas entre docentes, pesquisadores e acadêmicos bem como a interação educacional entre a comunidade. Os melhores colocados divididos por área de pesquisa foram agraciados com vale livros, certificados e medalhas. A premiação contou com a participação de Gisele Paulino, representando a Setec, Greiton Toledo, secretario de estado do Meio Ambiente, e o professor-doutor Perseu da Silva, que representou a Ueap. A 10ª Semana Nacional de Ciência e Tecnologia foi coordenada pela Setec com o apoio do Governo do Amapá, Ueap, Ifap, Sebrae, Sesc, Unifap, Fapeap, Seed, Iepa, Embrap/AP e Sims.

AGÊNCIA AMAPÁ

A PARTIR da atuação da comissão, a Sesa aplica sanções administrativas aos fornecedores que não entregam os remédios no tempo determinado ou entregam apenas parte deles

conclusão da compra regular de medicamentos e correlatos para os hospitais. A Sesa também trabalha no

processo emergencial para a compra de correlatos e garante, por meio da liberação dos recursos do Fun-

do Rotativo, o abastecimento imediato das farmácias hospitalares.

Caminhada chama a atenção para o Dia Mundial de Luta contra a Aids

N

o próximo domingo, 1º de dezembro, em todo o mundo, instituições governamentais e não-governamentais celebram o Dia Mundial de Luta contra a Aids. No Amapá, a Secretaria de Estado da Saúde (Sesa), em parceria com órgãos ligados à área da saúde, realiza várias ações na capital e no “Dia D” (dia de luta contra a doença) haverá um show artístico de mobilização em frente à Casa do Artesão. O evento acontece no horário das 16h às 21h. Além disso, será ofertado teste rápido para HIV, sífilis e hepatites virais B.

A Coordenadoria Estadual de Combate às Doenças Sexualmente Transmissíveis (DSTs/Aids), juntamente com o Serviço Social do Comércio (Sesc), promovem neste sábado, 30, uma caminhada alusiva à campanha de combate à Aids. A concentração será a partir das 9h, em frente ao Teatro das Bacabeiras, com chegada no Parque do Forte. De acordo com a coordenadora estadual do programa, Silvia Maués, as ações que antecedem ao Dia Mundial de Luta Contra a Aids servem para disseminar a importância

da prevenção sexual. “Queremos despertar a sociedade e informar que a melhor forma de se evitar as DSTs ainda é a prevenção, renovação de atitudes e a responsabilidade consigo e com o outro”, explicou. Ainda no sábado, a Associação de Mulheres Amapaenses Soropositivas (AMA+) realiza o I Seminário sobre a Importância do Pré-Natal em Mulheres Grávidas Soropositivas e a Infecção na Transmissão Vertical. O encontro acontece na Universidade do Estado do Amapá, a partir das 8h.

Campanha de prevenção ao câncer de próstata contabiliza quase 3 mil atendimentos

FOTO: AGÊNCIA AMAPÁ

OS RESULTADOS dos exames serão divulgados a partir de dezembro

Agência Amapá

A

Coordenação Estadual do Projeto de Prevenção da Saúde Masculina divulgou na manhã de ontem sexta-feira, 29, o balanço dos atendimentos realizados durante a IX Campanha de Prevenção e Combate ao Câncer de Próstata,. A ação, realizada pelo Laboratório Central de Saúde

Pública aconteceu no último dia 27 deste mês, no prédio do Lacen, e atendeu o público masculino com exames de PSA, durante todo o dia. De acordo com a subgerente do projeto, Rosinete Dias, o objetivo da ação foi alcançado, pois, a maioria dos homens atendeu ao convite dos técnicos do Lacen e aderiram a campanha. “Conseguimos reali-

zar 2.622 atendimentos. Isso é satisfatório, pois a cada ano, o público masculino procura o laboratório para realizar o exame de PSA”, explicou. Os resultados dos exames serão divulgados a partir de dezembro, a cada 20 dias. A primeira entrega será no dia 20 de dezembro, a segunda no dia 10 de janeiro, e a última no dia 30 de janeiro.


C2

Esporte

Macapá-AP, sábado, 30 de novembro de 2013 Editor: Pablo Oliveira - pc.oliveira@jdia.com.br

Amapá vence Mato Grosso e garante classificação na 2ª divisão de basquete

O Amapá venceu o jogo por 67 a 64 e o elenco amapaense segue na elite do Basquetebol Brasileiro em 2014 Elcio Barbosa

Da Reportagem

A

vitória sobre Mato Grosso deu animo a equipe amapaense que disputa o Campeonato Brasileiro da 2ª Divisão de Basquetebol no município de Santana. A Seleção Sub-15 do Amapá garan-

tiu a 2ª vitória na competição ao vencer por 67 a 64, Mato grosso. A vitória garante vaga ao AP à fase final do certame juvenil. A equipe atuou bem contra o Mato Grosso, e apesar do jogo nervoso os donos da casa impôs um ritmo de partida, e levaram a melhor. O atleta amapaense, Matheus Costa foi o cestinha da partida, com 24 pontos marcados. Segundo, Agostinho Lopes, dirigente do Campeonato, a seleção amapaense tem um desafio. “O estado do Espírito Santo é um dos favoritos ao título, mas a vitória de ontem deu animo

a equipe amapaense, a seleção estreou nervosa, mas, conseguiu se recuperar neste último jogo, e está em uma situação favorável” declarou Lopes. O elenco amapaense está em segundo lugar no grupo “B” e não tem mais chances de cair para a 3ª Divisão. Se o time conseguir a medalha de bronze na competição, garante uma das vagas para a Divisão de elite da categoria Sub 15 em 2014. O Alagoas 38 x 74 Espírito Santo, Pará 74 x 37 Tocantins, Pernambuco 80 x 52 Goiás, e Amapá 67 x 64 Mato Grosso.

Dirigente amapaense diz que reunião com COB foi excelente FOTO: DIVULGAÇÃO

FOTO: DIVULGAÇÃO

SELEÇÃO amapaense permanece na elite do basquetebol brasileiro em 2014

Germano Tiago relembra “Esporte Faz História” sobre José Itamar de Souza

FOTO: DIVULGAÇÃO

Elcio Barbosa

Da Reportagem

O

PROFESOR Olivaldo Nunes e os alunos atletas que participaram dos Jogos Escolares da Juventude

Elcio Barbosa

Da Reportagem

O

dirigente dos Jogos Escolares da Juventude no Amapá, Olivaldo Nunes disse que a reunião realizada ontem com os representantes dos estados, e o Edgar Hubner (COB) é considerada excelente. Olivaldo Nunes considerou que as diretrizes discutidas no encontro foram de forma democrática, levando em consideração os problemas existentes nas delegações dos estados durante a participação nos Jogos Escolares da Juventude realizadas em Belém. “Pudemos Discutir esses problemas, o regulamento e outras situações fundamentais para a melhoria dos jogos escolares, tanto

na etapa estadual quanto na nacional, isso foi importante para o Amapá, pois, pudemos buscar a melhoria para os nossos atletas e as equipes, esperamos alcançar melhores resultados” alegou. O dirigente amapaense disse ainda que no período de 1 a 17 de dezembro, o Comitê Olímpico Brasileiro promove o curso de capacitação para técnicos e fisioterapeutas que atuam na etapa nacional com a faixa etária de 12 a 14 anos. “O Amapá foi contemplado com a participação do fisioterapeuta Diego Neves, e dos técnicos de judô, Antônio Viana, a Luta Olímpica através de Josiel Oliveira e de atletismo com Silvio Medeiros, vale ressaltar que os técnicos renomados no mundo esporti-

vo, e técnicos cubanos, Alemães, Americanos, e Brasileiros.” Enfatizou Olivaldo Nunes, Coordenador Geral dos Jogos Escolares do Amapá. A crítica da reunião colocada pelos dirigentes, foi atrasos ocasionados acabaram prejudicando algumas delegações, na etapa que reuniu atletas de 15 à 17 anos, disputada em Belém do Pará. “Boa parte das reclamações se refere aos transportes, um dos problemas apresentados no Pará, à reunião serviu para pontuarmos o planejamento a ser executado nos próximos eventos, além disso, a questão de patrocínio foi outro ponto a ser abordado”, disse Edgar Hubner. O Amapá pretende sediar as disputas em 2014, ou em 2015.

Elias condiciona permanência no Fla a agentes: “comigo está acertado”

FOTO: DIVULGAÇÃO

Esporte

N

o que depender da vontade da parte mais decisiva da negociação, a permanência de Elias no Flamengo para 2014 já está acertada. Pelo menos é isso que diz o camisa 8, reforçando ainda que a decisão agora está nas mãos dos clubes envolvidos e dos empresários que detêm 50% de seus direitos econômicos. “Comigo está tudo acertado. Só não afirmo porque não depende de mim. Falta agora o Sporting e a empresa que tem metade dos meus direitos. Mas as conversas já estão avançadas. Logo logo teremos uma solução positiva para o Flamengo”, disse o meia. Elias ainda fez questão de ressaltar que sua ligação com o Corinthians não vai influenciar em nada e afirmou que não teve qualquer proposta concreta de outro clube brasileiro.

ELIAS condiciona permanência no Flamengo

“Corinthians? Não pesa. Tenho carinho pelo clube e ponto. Mas isso não vai influenciar em nada minha decisão pro futuro. Vou procurar o projeto na minha carreira e a na minha família. Vou pensar só nisso”, disse o camisa 8, que rebate as especulações sobre o seu futuro. “Vou ser bem sincero: só tive proposta do Flamengo. Não tive nenhum outro clube, a não ser sondagem que escuto da imprensa,

até porque já tenho pré-contrato aqui”, esclareceu o jogador. Internamente, a diretoria vê com otimismo a permanência de Elias e já está em fase final da captação de recursos para manter o jogador. O meia tem contrato com o Sporting até 2016 e seu passe está avaliado em cerca de R$ 24 milhões. A diretoria rubro-negra acredita que consegue comprá-lo por pouco menos da metade deste valor.

quadro ‘Esporte faz História’ faz homenagens neste fim de ano sobre alguns personagens que marcaram na história do futebol amapaense. Germano Tiago, o ‘Tiaguinho’, é autor de outro fato importante vivido por ele, desta feita foi com o atacante, veloz que brilhou no Independente Esporte Clube (IEC), e no Santana, nos anos 1980, trata-se de José Itamar de Souza, o “Itamar” (In Memorian). Bem à vontade, Tiago inicia a história através de um fato que aconteceu dentro da sede do Verdão da Maia, o IEC, por ocasião da comemoração ao titulo conquistado no Torneio Cidade de Macapá. “A historia é de um personagem muito querido, pelas torcidas do Santana, e do Independente: José Itamar de Souza, ou simplesmente ‘Itamar’, ele também foi atleta profissional do Clube do Remo e do Atlético Izabelense de Belém”. Tiago escreve como se fosse hoje, “essa história aconteceu na sede (saudosa) do IEC, em um baile da diretoria do clube que nos homenageavam depois de uma conquista do torneio cidade de Macapá, no ano

GERMANO Tiago é autor das grandes histórias que aconteceram no futebol amapaense

de 1982” iniciou Tiago. Nessas alturas a curiosidade é tanta que a ansiedade faz prestar bastante atenção na história contada por Tiago. “Unimos mesas, e ficamos todos os atletas juntos, todos com as namoradas, e esposas, e em um momento da festa o Socó, nosso atacante, olhou e viu o Itamar muito triste, pois estava sem ninguém e muito triste mesmo, então ficou com peninha do ‘negão’ e disse pra namorada dele, vai dançar com o Itamar ele tá muito triste e ela prontamente foi para o salão dançar, e o papo rolando entre agente,

já por volta da 4h de musica, e o Socó disse égua! o ‘negão’ não devolve a minha namorada, eu vou atrás” relembra Tiago. Aí é que surgiu a ‘pérola da noite’, “quando ele olhou para o salão o ‘negão’ já estava beijando ela pelo pescoço, e ela querendo se defender ai, o Socó deu um grito, ei Itamar esta bom, tu já dançou muito, e o ‘negão’ veio de lá muito ‘puto da vida’, chegou perto do Socó ele disse, ‘esta aí a tua mulher, tu quer só pra ti é’? Será que ele era folgado? Mas era amigo demais, que Deus o tenha em bom lugar” finalizou Tiago.

Brasil usa dupla patriota contra “zica” de carrascos históricos em sorteio Esporte

M

aior campeã das Copas do Mundo, com cinco títulos, a seleção brasileira tem apenas duas derrotas em finais 1950, quando perdeu contra o Uruguai em casa, e em 1998, quando caiu contra a anfitriã França. E como é tradição no futebol nacional, os títulos perdidos geraram não só os vilões locais, mas também históricos carrascos dos quais não consegue se esquecer. E os dois maiores vilões da história do futebol brasileiro estarão presentes no sorteio que marca a volta da Copa do Mundo ao país depois de 64 anos. O evento será realizado em 6 de dezembro, na Costa do Sauípe, na Bahia. O uruguaio Alcides Edgardo Ghiggia, autor do segundo gol uruguaio na vitória por 2 a 1 em 1950, e o francês Zinedine Zidane, que marcou dois na vitória por 3 a 0 em Paris, serão os representantes de seus países na cerimônia em que cada uma das oito nações campeãs mundiais terá um ex-jogador como símbolo. Zidane não foi só responsável pelo vice brasileiro em 98, mas também pela eliminação na Copa de 2006, na Alemanha. Naquelas quartas de final, pintou e bordou em campo

com dribles, chapéu e passes de efeito, além de cobrar a falta para Henry marcar o gol da vitória francesa. Mas se alguém acha que isso pode ser um indício de azar para o país pentacampeão no sorteio e até na Copa do Mundo, pode se tranquilizar. Isso porque o Brasil terá como representante dois de seus maiores campeões símbolos, Cafu e Zagallo, ex-atletas que têm historicamente funcionado como uma espécie de “embaixadores do patriotismo” brasileiro. O ex-lateral Cafu, bicampeão mundial como atleta, será o escolhido para representar seu país. E já descartou que os ex-jogadores ao seu lado tragam azar. “Não, eu não sou supersticioso, em hipótese alguma (eles trarão azar). Comigo não tem nada disso, mas eles são bem-vindos aqui.” Zagallo, com quatro títulos como atleta, técnico e coordenador, foi convidado e disse que deve estar presente na cerimônia. O Velho Lobo, conhecido por sua superstição e patriotismo, já avisou que não há a menor chance de os carrascos do país trazerem qualquer tipo de “zica”. “O Zidane e o Gighia podem até vir aqui, mas para aplaudir o hexacampeonato, por que

não?”, brincou o alagoano, que reiterou a superioridade seu país sobre os dois rivais. “Já ganhamos várias vezes da seleção uruguaia, dentro da própria Copa do Mundo de 70, e não precisou dar troco nenhum. Já foi mostrada a nossa superioridade em relação à França em uma Copa do Mundo. Ganhamos de 5 a 2 em 1958. Nós estamos bem à frente de todos aqueles que estão disputando uma Copa do Mundo. Nós somos cinco vezes campeão do mundo, e com relação a França e Uruguai, a diferença é grande demais”, continuou. Além de Ghiggia, Zidane e Cafu, os outros representantes dos países campeões mundiais serão Lothar Matthäus, pela Alemanha, Geoff Hurst (Inglaterra), Mario Kempes (Argentina), Fabio Cannavaro (Itália) e Fernando Hierro, pela Espanha. Este último não foi campeão mundial, mas representará o futebol espanhol porque todos os 23 atletas que estiveram na conquista da Copa da África do Sul, em 2010, estão em atividade. Além de Zagallo e Cafu, outra figura brasileira que deve estar presente é Pelé. Nesta semana, o estafe do “Rei’ indicou que ele deve estar presente na Costa do Sauípe.


Diversão&Cultura

Macapá-AP, sábado, 30 de novembro de 2013

C3

Editora: Pablo Oliveira - pc.oliveira@jdia.com.br

Elna Santana encanta no palco e ganha o título de mais nova Rainha da Agropesc FOTO: AGÊNCIA AMAPÁ

Após mais de quatro anos, as entidades do setor primário se organizaram e investiram na participação da comunidade local com seis candidatas Agência Brasil

U

ma noite glamourosa, de encanto e valorização histórica e cultural ocorreu na última quinta-feira, 28, na abertura da segunda maior feira de agronegócio do Estado, no município de Amapá, com a escolha de Elna Santana, representante da Agência de Pesca do Amapá (Pescap), como a Rainha da 25ª Expofeira Agropesc do município de Amapá, a 330 quilômetros de Macapá. Após mais de quatro anos, as entidades do setor primário se organizaram e investiram na participação da comunidade local com seis candidatas, que se

REPRESENTANTE da Agência de Pesca do Amapá, Elna Santana foi consagrada a Rainha da 25ª Expofeira Agropesc e ganhou uma moto Suzuki

apresentaram com eixos temáticos valorizando a história, a cultura e a economia do lugar. A primeira candidata foi Daiane de Oliveira, representante da Fazenda Jesus de Nazaré, que

trouxe como proposta cultural a viagem em alto mar do pescador, usando o espinhão com músicas regionais compondo a originalidade da apresentação. A segunda candidata foi Steffanne Silva Ramos, representante das Lojas Criativas, moradora de área indígena que defendeu a revoada dos guarás, ave em processo de extin-

ção que a protetora levou como luta da espécie no Norte do país. A terceira candidata foi Ediane Santos, representante da Prefeitura de Amapá, que exaltou as características da região como as águas da cachoeira de Santo Antônio, a pesca e a pecuária. A quarta concorrente foi Elna Santana, que valorizou a pecuá-

ria com a fantasia Boiadeiro Amapaense; sua performance fez um relato da história de Cabralzinho na luta pela posse das terras da antiga Vila do Espírito Santo, hoje Amapá, em litígio com a França em 1901. A quinta concorrente foi Jamaira Monteiro, a domadora de búfalos, representante da Fazenda Fé em Deus, que buscou em sua fantasia expressar o valor histórico cultural da estação Maracá Jipioca na costa do Amapá. A sexta é última candidata foi Franciane Sobrinho, que representou a Rádio FM de Tartarugalzinho, cuja performance enalteceu a cultura dos apaches americanos Sioux, o Velho Oeste, onde a índia mescla o luxo e o místico dentro do som country selvagem. O público vibrou quando os jurados entregaram as planilhas das notas, somadas pelo presidente da mesa, Meton Jucá Júnior, para a consagração da torcida da Pescap pela vitória de Elna Santana, eleita a Rainha da 25ª Agropesc de Amapá 2013. A classificação e premiação ficaram assim definidas: Rainha da 25ª Agropesc 2013: Elna Santana (Pescap), que recebeu uma moto Suzuki; a segunda candidata e primeira princesa, Jamaira Monteiro (Prefeitura de Amapá), levou um computador; a terceira colocada e segunda princesa, Stteffane Morais, recebeu um celular; e o título de Miss Simpatia ficou com a jovem Ediane Ramos. Melhores coreógrafos: Renato Marques e Ana Kastiúscia; melhor estilista, Breno Lobato; e melhor torcida para Jamaira Monteiro, premiados com troféus pela comissão organizadora do evento . No espaço Equinócio cantaram Zé Miguel, Ramon Frazelly e Danny Lins, que fecharam a programação no primeiro dia da segunda maior festa do município de Amapá. Na agenda desta sexta-feira, 29, haverá um grande show com a cantora Gabi Amarantos.

“Vovô Sem Vergonha” aposta no humor de pegadinhas e escatologia Cinema

H

á treze anos, Johnny Knoxville e sua turma trouxeram “Jackass” (2000-2001) para a MTV, arrebatando um grande número de fãs e, igualmente, de críticas. O programa, que mostrava o grupo fazendo brincadeiras, pegadinhas e acrobacias altamente perigosas, nas quais se feriam constantemente, criou uma espécie de “ame ou odeie” entre o público, que permanece até hoje, mesmo depois do cancelamento da série após reclamações de que os jovens estariam sendo influenciados a se aventurar em situações de alto risco para imitá-los. Ainda assim, nos últimos anos, a trupe manteve suas arriscadas estripulias no cinema, em seis longas com o selo da franquia “Jackass”. O legado continua com “Vovô Sem Vergonha”, novo filme do grupo. Se é

verdade que permanece a tradição do humor físico que tanto os marcou, no entanto, as acrobacias arriscadas saem de cena, as brincadeiras violentas diminuem e dão espaço a uma série de piadas escatológicas, especialmente de cunho sexual, que podem provocar nojo ou risos, dependendo do espectador. Ao contrário dos longas anteriores, que não passavam de uma compilação de esquetes da trupe, sem nenhuma ligação entre si ou, no máximo, com uma temática que as unia, o mais recente trabalho tem um roteiro para sustentá-las, assim como os filmes do Sasha Baron Cohen, “Borat” (2006) e “Brüno” (2009). Ainda assim, a trama é extremamente frágil porque não há muita preocupação com a lógica, uma vez que o mais importante é passar para a próxima pegadinha --gravadas com câmeras escondidas, como de costume.

Resumo das Novelas Malhação Segunda-feira, 02 de dezembro – Ben e Meg selam sua amizade. Vera afirma a Ronaldo que ficará atenta à relação de Caetano e Hernandez. Omar desabafa com Luciana sobre Zelândia. Sidney e Anita trocam ideias para o roteiro do musical. Bernardete tenta encontrar uma nova função. Sidney percebe a harmonia entre Ben e Anita. Hernandez dá aulas de dança para Maura e a estimula a relaxar. Drica, Amanda e Bruna se encantam com Antônio. Micaela pede ajuda a Martin para ficar com Paulino, e o rapaz fica procupado. Flaviana se assusta ao saber que Drica, Amanda e Bruna querem conquistar Antônio. Martin sente ciúmes de Micaela quando descobre que ela beijou Martinico, confundindo o boneco com uma pessoa.

Além do Horizonte Celina chama por Nilson, que dorme em seu barco. LC reclama de Tereza não ter contado antes que Lili estava entre as escolhidas para o treinamento. William teme que a invasão do computador seja descoberta pelo Grupo. Priscila e Lili estranham a animação de Heloísa. Álvaro tenta convencer Marcelo a se afastar do escritório para ficar com seus clientes. Paulinha senta à mesa dos cientistas, mas é retirada por Tereza. Rafa se reconcilia com Flávio e Júlia. André avisa a Olívia que terminou seu romance com Cláudia. Nilson decide procurar Celina pela mata. LC pede que Líder Jorge o mantenha informado sobre o andamento de Lili.

Joia Rara Viktor revela a Franz que sempre foi apaixonado por Sílvia. Iolanda diz a Mundo que quer se divorciar de Ernest. Mundo termina o namoro com Dália para ficar com Iolanda. Franz pressiona Sílvia para saber se o filho que ela espera é realmente dele. Elisa flagra Matilde e Arlindinho aos beijos. Sílvia culpa Vítor por Franz descobrir o envolvimento dos dois.

Amor à Vida Bruno manda Félix embora do bar de seu pai. Aline explica parte de seu plano para Ninho. Valdirene diz a Murilo e Jefferson que descobrirá como conseguir dicas para ganhar o programa de TV. Valentin cuida de Vivian. Mariah decide visitar Paloma e pensa em como unir a filha biológica ao marido novamente. Valdirene se encontra com Carlito. Gigi fala para Eudóxia conseguir provas contra a esposa de Ignácio. Félix manda seu antigo comparsa denunciar a empresa de silicone que abriu em nome de Tamara. Leila acredita que Thales seguirá o seu plano e o parabeniza por se aproximar de Natasha. Vega fala para Atílio que não vai liberar seus bens. Aline reclama do filho, sem que César ouça.

O filme acompanha a história de Irving Zisman (Johnny Knoxville), um senhor de 86 anos que fica viúvo e se alegra com isso, pois acredita que poderá curtir a vida sem a mulher enchendo o seu saco. Mas o sonho logo vira pesadelo, porque ele ganha nova companhia quando sua filha Kimmie

(Georgina Cates), uma detenta viciada em drogas que está violando sua condicional, entrega seu filho Billy (Jackson Nicoll) a ele, em pleno funeral. A contragosto, o avô é obrigado a levar o neto para o pai dele, o estranho Chuck (Greg Harris), na Carolina do Norte.

Horóscopo Áries (21 mar. a 20 abr.) Terá de aguentar, por mais tempo do que suportaria a sua impaciência, a hesitação de sócios, a contemporização de camaradinhas e certas hipocrisias que a convivência diária estimula entre os casais. Depois passa, aguente firme hoje!

Libra (23 set. a 22 out.) Como suas emoções estão instáveis, e tudo reverbera demais em seu humor, e você está super ligado em suas próprias necessidades, deixe a agenda solta, livre de compromissos. A Lua em seu signo pede momentos de autocuidado e mimos.

Touro (21 abr. a 20 mai.) Distribuir docinhos e mimos entre os assistentes talvez ajude você a aguentar, de bom humor, o ambiente de trabalho. Um empregado que arrota vantagens irrita seu espirito modesto. O que vale é a noite, cheia de promessas sensuais.

Escorpião (23 out. a 21 nov.) Em que você acredita é assunto só seu, não tem de ser exposto pra ninguém. E você anda duvidando de suas crenças - políticas, religiosas. Pensar com a própria cabeça e questionar dogmas é perigoso; por enquanto - e hoje - seja discreto.

Gêmeos (21 mai. a 20 jun.) Mercúrio, mestre das artimanhas e das habilidades, manda a dica pra você: mergulhe fundo numa pesquisa, investigue de perto métodos, práticas, procedimentos. Descobrirá um tesouro. Sem medo de ser feliz, valorize-se no trabalho. Câncer (21 jun. a 21 jul.) Sol e Urano liberam caminho pra você mostrar tudo que é capaz de inventar na profissão. Drible com sorrisos e boa educação a pressão do parceiro, maior hoje. Fique na sua, esconda-se na sua toca. Ali você pode brincar de príncipe - ou princesa. Leão (22 jul. a 22 ago.) Hoje e amanhã você será capaz dos poemas mais rasgados de paixão, dos atos mais surpreendentes pra provar ao mundo o seu valor. É como se um cavaleiro medieval acordasse dentro de você, a fim de novas e incríveis aventuras por que se bater. Virgem (23 ago. a 22 set.) A modéstia, associada à diligencia, à informação de primeira mão e à observação de detalhes que fogem ao comum dos mortais são suas armas hoje. Ninguém segura! E assim é que você interfere hoje no seu meio. Muitos se lembrarão!

Sagitário (22 nov. a 21 dez.) O grande lance astral destes dias é o trígono entre Sol e Urano - um aspecto lindo, libertário, que inspira visões originais da vida, criatividade de vanguarda, visão ampla e sensibilidade para mudanças. Você é que dará impulso a elas. Acredite. Capricórnio (22 dez. a 20 jan.) Difícil acertar o ritmo da dança hoje - seu desejo vai contra o que o mundo pede e aí, só mesmo fazendo um pouco de teatro pra chegar em paz no fim do dia. Algum extravagante irá cutucar seus modos distantes. De noite, silencio e paz. Aquário (21 jan. a 19 fev.) Delicia quando você consegue esgrimir argumentos e se expressar de um modo cortante, que choca e chacoalha mentes superficiais e preguiçosas! É Mercúrio com o ferrão do Escorpião, associado - e bem! - a Júpiter, do sentido e da ética. Peixes (20 fev. a 20 mar.) Alguma coisa no seu modo de se comportar confunde o parceiro, o sócio, o cliente. Fique ligado! Cheque se todos entenderam bem o que você está disposto a dar, fazer, compartilhar nessas relações. Brumas, só se forem na literatura!


Sociedade

LÚCIA THEREZA @luciathereza lucia.ghammachi@jdia.com.br

Diagramadora: Maraina Melo - maramiranda@jdia.com.br

Luzes, Som, Cor.......

é Natal!

S

Monitores norte-americanos

esi/Senai do Amapá receberá, hoje 14 monitores norte-americanos, que ficarão em Macapá até o dia 20 de dezembro. Eles lecionarão inglês para 150 alunos dos ensinos Fundamental e Médio, da Rede Sesi/ Senai, da Escola Municipal Roraima e da Escola Estadual Maria Ivone de Menezes. Os estudantes foram previamente selecionados e estão participando do Projeto Conexão Mundo. A ação é uma parceria entre o Serviço Social da Indústria (Sesi) e o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai), por meio da Confederação Nacional da Indústria (CNI), com a ONG americana US-Brasil Connect, e tem o objetivo de oportunizar e aprofundar os conhecimentos em línguas, por meio da vivência diária dos alunos com o inglês e com monitores nativos dos Estados Unidos. As aulas são ministradas de uma forma diferente, por meio de dinâmicas, jogos e simulação de situações comuns do mercado de trabalho. Ao final do curso, os alunos recebem um certificado de conclusão do Sesi e do Senai. Macapá é o segundo estado da Região Norte a ser contemplado pelo Conexão Mundo. Ele foi criado como um projeto piloto pelos alunos do Sesi e Senai da Bahia, em 2012. Neste ano, o Conexão Mundo foi ampliado para 800 estudantes de vários estados. Em 2014, com a expansão do projeto, os alunos do Amapá com os melhores desempenhos terão a oportunidade de serem contemplados com o intercâmbio cultural, viajando aos Estados Unidos ao final do programa.

1

Macapá-AP, sábado, 30 de novembro de 2013

5ª Cantata Natalina, evento que todos os anos atrai milhares de pessoas e que sempre emociona com um show de cores, brilho, luzes e vozes, o Coral do TJAP e já começa o clima de Natal em nossa cidade reta final. Na apresentação deste ano, o público deve esperar muitas surpresas. Afinal, serão quinze anos de um espetáculo que já se tornou uma programação do Calendário de Eventos da cidade. Ao longo dos quinze anos de existência são muitas histórias, apresentações e momentos de grande emoção. “A nossa primeira apresentação em 1995 foi bem modesta. Cantamos apenas para os nossos familiares na recepção do Fórum de Macapá. Não imaginávamos a dimensão que o Coral iria ganhar ao longo dos anos”, relembra a Presidente do Coral, Nilce Lima. Em 2003, o grupo inovou ao criar o Coral InfantoJuvenil, para que os filhos de servidores do TJAP pudessem se juntar ao grupo. “Os pequeninos dão um brilho a nossa festa. O Coral Infantil também é muito aplaudido pela população”, destacou a Maestrina Leandra Valério. Este ano com o tema “Acender das Luzes”, o Coral irá repetir a parceria iniciada em 2012 com a Orquestra Filarmônica Equinócio das Águas. Mesmo com o desafio de inovar todos os anos, o grupo promete grandes surpresas para a 15ª Cantata Natalina. “Além das músicas natalinas, iremos cantar músicas que fazem parte da história do grupo. O público pode esperar uma apresentação que pretende levar a todos o amor e a emoção do Natal”, enfatizou Nilce Lima. Então, fica o convite. A 15ª Cantata Natalina acontece neste sábado, 30 de novembro, na esquina da Avenida FAB, às 19:30hs

Turismo Antilhas holandesas, lugar exótico!

S

e você gosta de esportes ao ar livre, ou é feliz poApaixone-se pelo mergulho e as praias de categoria dendo descansar em uma praia de areias brancas, mundial, vigorantes aventuras ao ar livre e uma cultura Curaçao é o destino ideal. que lhe dá as boas-vindas. Explore a Hato Caves, um elaborado enlace de estalactites e estalagmites com desenhos de pelo menos 1500 anos. Os caminhos de 4446 hectares no Parque Nacional Christoffel, cheio da exótica vida selvagem e jardins. Os fãs do mergulho vão adorar o Bosque de Cogumelo, uma selva subaquática de 10 pés e coral com forma de cogumelo. Para mais aventuras de compras memoráveis, visite a capital, Willemstad um fantástico porto de revendedores, restaurantes, e lugares de vida noturna. É uma das poucas cidades que são consideradas pela UNESCO como Patrimônio Mundial. Cheia de vida, de prédios de estilo colonial holandês que você só encontrará na Holanda. Fuja aos tesouros escondidos do Caribe.

Jornaldodia30112013  
Jornaldodia30112013  
Advertisement