Issuu on Google+

DEIVID

DILMA

Sente falta de dirigentes

MESSI

Discute crescimento

Supera novo recorde

Ela chamou sindicatos, políticos e empresários para a pauta. nA6

Desde a eliminação, treinador ainda não consersou com o time.nC1

Jogador do Barça, sob polêmica, tem novo recorde superado. nC2

Fundado em 04 de Fevereiro de 1987

Macapá-AP, Quinta-feira, 03 de Maio de 2012 - Ano XXV

CORREIOS

Funcionário é preso acusado de desviar mercadorias Raimundo Rocha estava desviando mercadorias há pelo menos um ano. Ele trabalhava nos Correios há 21 anos. nB2

Domingo e Segunda R$ 3,50 - Terça a Sábado R$ 1,50

EDUCAÇÃO

Governo endurece e greve ganha força na Assembleia Amanhã, a greve dos professores completa duas semanas de paralisação. Até agora, nem educadores e nem governo chegaram a um consenso. As discussões foram

parar ontem na Assembleia Legislativa, que vai analisar nos próximos dias as propostas de reajuste apresentadas por ambos os lados. nB1 HEVERTON MENDES

HEVERTON MENDES

Delegado Luis Carlos, responsável pelas investigações

Ontem, professores acamparam em frente a Assembleia Legislativa, interditando a Avenida FAB

CONSTRUÇÃO

IRREGULARIDADES

A loja Monte Casa e Construção inaugura hoje (3), às 19h o espaço Monte Concept. nA3 HEVERTON MENDES

Dentre as irregularidades encontradas, na discussão sobre o certame. Pedido de está a ausência de participação dos índios suspensão foi feito pelo MPF/AP. nB4

Macapá já tem um novo conceito à disposição

Iluminação, design e móveis: tudo o que o bom gosto requer

Justiça suspende concurso para o cargo de professor indígena DIVULGAÇÃO

Documento impõe que a atividade deve ser exercida por professores indígenas

COMBATE

CAMPEÃO

Fronteira do Amapá Real Madri na mira de operação levanta a taça federal contra tráfico antecipado Essa será a quarta Plano Estratégico de edição da Operação Fronteiras, lançado no Ágata, que integra o ano passado. nB2

Jogadores comemoram o gol de Cristiano Ronaldo e do título antecipado do Campeonato. nC2

EXPECTATIVA

Fla acerta com Ibson, mas não tem data de apresentação Enquanto o time deseja contar com Ibson imediatamente, o Santos, que ainda detém os direitos, pretende utilizá-lo até o fim da Libertadores. nC2

NA INTERNET www.jdia.com.br - REDAÇÃO 3217.1117 - COMERCIAL jdcomercial@jdia.com.br 3217.1100 - DISTRIBUIÇÃO 3217.1111 - ATENDIMENTO 3217.1110


JD

Opinião Os vereadores RODOLFO JUAREZ

J

Jornalista rodolfojuares@gmail.com

á são muitas as reclamações da população com relação à ausência dos vereadores no processo de enfrentamento dos problemas urbanos e rurais do Município de Macapá. Segundo a crescente onda de insatisfação, os vereadores de Macapá estão fazendo pouco caso dos grandes problemas que a Administração e a população enfrentam e que está refletindo fortemente na qualidade de vida dos que moram em Macapá ou nos distritos municipais. As reclamações do povo estão muito mais concentrados no que está acontecendo com a cidade que, sabem eles, cresceu demais, mas que tem havido muito descuido dos secretários municipais no trato das questões. Entendem que não é possível continuar, indefinidamente, sem que haja por parte dos técnicos e dos políticos, qualquer resposta que possa devolver a confiança na Administração. O crescimento populacional acima da média e o pas-

sivo da qualidade de vida urbana, aliado ao pouco caso feito pelo Governo do Estado para com a cidade, são considerados questões que precisam ser resolvidas ou, pelo menos, ter o seu avanço destrutivo, contido. Já são muitas as ruas das periferias da cidade que estão completamente intrafegáveis e, com isso, trazendo dificuldades e aborrecimento aos moradores que não sentem a presença dos técnicos nesses locais, muito embora afirmem que tem muitos moradores decididos a colaborar. Nas vias do centro e de ligação com os bairros mais afastados os problemas são com as pistas de rolamento onde os buracos proliferam devido: ou a qualidade do asfalto ou mesmo a fadiga da capa ou da base da via, afetada fortemente, pelas chuvas que acabam contribuindo para aumentar a velocidade do aparecimento dos buracos, ou ao descuido dos técnicos e dos administradores. A sinalização das vias também é outro ponto desta-

cado pelos moradores. Eles alegam que os anúncios não são cumpridos e mesmo os programas que são divulgados não se realizam. Citam com exemplo as faixas de pedestres em pontos importantes da cidade que, ou estão completamente desaparecidas, ou apesar de prometidas, nunca foram efetivamente pintadas. O transporte coletivo é outro problema grave. Cada vez mais aumenta o tempo de espera nas paradas de ônibus, a maioria delas sem qualquer proteção contra o sol ou a chuva e outras que têm a proteção, não chegam a atendem os que precisam mais – as pessoas com problemas de saúde ou as pessoas idosas. Outro problema que a população catalogou foi a falta de cuidado com as vias de acesso aos distritos do Município de Macapá. Mesmo os distritos mais próximos como Fazendinha e Curiau, não estão satisfatoriamente atendidos. Na Fazendinha, principalmente na área onde está o bairro Vale Verde, a situação é grave. Naquele local, no Vale Verde, já foram feitas promessas de melhoria tanto pelos gestores municipais como pelos gestores do Es-

tado. Nem um, nem o outro cumpriu o que prometeu – um cinturão asfáltico no bairro que a cada dia cresce em número de moradores e nas dificuldades de uso das vias internas no bairro. As vias internas dos distritos da Pedreira e do Pacuí passam por momentos jamais experimentados. Esses pontos fazem parte de um glossário levando por um grupo que fez realizar uma mesa redonda para analisar, de forma técnica e comunitária, os problemas que estão afetando a cidade de Macapá e os interiores do Município de Macapá. Durante as discussões, ficaram claros que os munícipes não deixaram de se preocupar com a cidade e com as áreas rurais, através dos seus representantes, mas também ficou claro que já não estão suportando a quantidade de dificuldades que têm que enfrentar todos os dias, no simples processo de ter que continuar circulando entre o trabalho e a moradia. E os vereadores foram alvos das criticas mais contundentes, entretanto os secretários municipais, o governador e o próprio prefeito, também foram alvos de cobranças.

Nós também fazemos parte da natureza ARLEY AMANAJÁS

S

arley_amanajas@hotmail.com

emana passada foi aprovado na Câmara Federal um novo Código Florestal, que passa agora para a sanção ou veto da Presidenta Dilma. O que levou nossos congressistas a aprovarem este código, o que ele representa e o que ainda pode ser modificado é o que será discutido no artigo de hoje. Primeiro quero discutir com você o que levou à proposição de um novo Código Florestal. O projeto de lei 1876, que modifica o Código Florestal vigente, não é novo. Ele vem datado do ano de 1999, porém passou muito tempo estagnado no Congresso, e após um longo período, que na minha opinião poderia durar para sempre, vem à tona novamente e é aprovado pela esmagadora maioria na Câmara Federal. A ressurreição do projeto de lei que deu origem ao novo Código Florestal não surgiu de um anseio da sociedade. Pelo contrário. Aparentemente a sociedade brasileira se mostra contra a aprovação do Código. Mas então, por que ele foi votado e aprovado? Aqui retornamos ao ponto que sempre venho discutindo com vocês: a nossa representatividade e o peso que a vontade popular tem ao se chocar com interesses individuais dos que deveriam nos representar.

Decisões como esta refletem perfeitamente que os parlamentares, e a maioria dos políticos do Brasil, servem somente a seus próprios interesses, ou melhor, os vendem para os detentores do poder econômico. Com a política serva do grande capital, cria-se um cenário, onde trafegam lobistas e dinheiro em cuecas. E quem fica olhando tudo de longe, sem poder fazer nada, é o povo, que somente é lembrado de dois em dois anos. Em suma, o Código aprovado pela maioria dos nossos deputados reduziu drasticamente as áreas de Preservação Permanente das margens dos rios, concedeu autorização a atividades “agropecuárias” nos topos dos morros e permitiu a redução de 80% para 50% as áreas de Reserva Legal em Estados que possuam mais de 65% de seu território composto por áreas protegidas, porcentagem esta que, segundo o professor Charles Chelala, atingiria somente o estado do Amapá e, talvez, Roraima. Porém quero me deter em um ponto que me causou perplexidade: a concessão do que podemos chamar de anistia para quem desmatou até 2008. A meu ver isto é um absurdo. Um crime ambiental vai ser perdoado em troco de quê? A quem está anistia vai beneficiar? Só há

com as suas promessas ou está representando a vontade de seus eleitores? Cada um de nós tem a obrigação de construir uma sociedade mais consciente e democrática. Mas a discussão sobre o Código ainda não foi encerrada. O projeto de lei segue agora para a sanção da Presidenta Dilma, e é ai que está depositada a última esperança dos ambientalistas: o veto presidencial. Se a Presidenta Dilma vetar, ao todo ou em partes, o Código, ele voltará para a Câmara dos deputados para uma nova votação, e só após essa votação, se mantida a decisão anterior ao veto, o Código passa a ser lei. Por vezes, nós, que moramos nas cidades, damos pouco valor às causas ambientais, como se os produtos que nos chegam à mesa, ou os objetos que nós utilizamos no dia a dia, não fossem frutos da natureza. O que esquecemos é que o homem faz parte desta natureza, e sem ela não pode sobreviver. Protegê-la não é preservar algumas árvores ou algum rio distante. É se autodefender. A sociedade amapaense deve entrar de cabeça nessa questão e lutar com unhas e dentes por um Código que realmente proteja o meio ambiente em que vivemos e não que proteja a riqueza de alguns latifundiários do país. Devemos lutar por um futuro comum. Devemos lutar não só pelos outros, como por nós mesmos. Devemos lutar porque legítima defesa, até no Direito Penal, não é crime.

uma resposta. Não só a anistia, mas todo o novo Código Florestal, irá beneficiar os grande exportadores e empresários do agronegócio, os grandes latifundiários e os grandes produtores rurais. Traduzindo, o novo Código Florestal não traz nada de novo, só a velha elite brasileira legislando em causa própria, cega aos clamores populares e a pressão internacional, mas com o olhar fixo e atento à ampliação de seus direitos e ao crescimento de sua conta bancaria. E agora, o que nos resta fazer? Será que só nos resta chorar e escrever artigos descontentes? Acho que não. Começamos por saber como votou nossos deputados no substitutivo enviado pelo Senado à Câmara Federal, para que, assim como eles, possamos nos lembrar de dois em dois anos. Os debutados do Amapá que votaram a favor do Código Florestal foram: Davi Alcolumbre (DEM), Evandro Milhomen (PC do B), Fátima Pelaes (PMDB), Luiz Carlos (PSDB), e Vinicius Gurgel (PR). Os deputados que foram contra o Código aprovado e a favor do substitutivo enviado pelo Senado foram: Sebastião Bala Rocha (PDT) Janete Capiberibe (PSB), Dalva Figueiredo (PT). Muita gente é contra a publicidade da votação, mas como fiscalizar e constatar que o político que elegemos está cumprindo

Uma publicação do Jornal do Dia Publicidade Ltda. CNPJ 34.939.496/0001-85 Fundado em 4 de fevereiro de 1987 por Otaciano Bento Pereira(+1917-2006) e Irene Pereira(+1923-2011) Primeiro Presidente Júlio Maria Pinto Pereira(+1954-1994) Diretor Editorial: José Arcângelo Pinto Pereira Diret. Adm. Financeira e Contábil: Maria Inerine Pinto Pereira Diretor de Assuntos Corporativos: Luiz Alberto Pinto Pereira Diretor Executivo: Marcelo Roza Assessoria Jurídica e Tributária: Dr. Américo Diniz — OAB/AP 194 Dr. Eduardo Tavares — OAB/DF - 27421 Editor-Chefe: Janderson Cantanhede Endereços Redação, Administração, Publicidade e Oficinas: Rua Mato Grosso, 296, Pacoval, Macapá (AP) - CEP 68908-350 - Tel.: (96) 3217.1110 E-mails pautas e contato com a redação: jornaldodia@jdia.com.br Editor-Chefe: cantanhede@jdia.com.br departamento comercial: jdcomercial@jdia.com.br josemaria@jdia.com.br mariaruth@jdia.com.br

Índice

Opinião - A2 Geral - A3, A4 Política Nacional - A5 Economia - A6

Geral - A7 Social - A8 Dia Dia - B1, B3, B4 Polícia - B2

JD na Internet: www.jdia.com.br VIA CELULAR: m.jdia.com.br Representantes comerciais JC Repres. Com. Ltda. - Brasília, DF n Tel. (61) 2262-7469 - Rio de Janeiro, RJ nº Tel. (21) 2223-7551, São Paulo Visão Global Comunicação S/C Ltda. n Rua Alvarenga, 573- Butantã - CEP - 05509-000 - São Paulo, SP Tel. (11) 3032-3595, Fax (11) 3032-4102. New Mídia - Belém-PA (Gil Montalverne) Tel.: (91) 3279-3911 / 8191-2217 Contatos Fale com a redação (96) 3217-1117 Fale com o departamento comercial (96) 3217-1100 / 3217-1111 Geral (96) 3217-1110 Conceitos emitidos em colunas e artigos são de responsabilidade de seus autores e nem sempre refletem a opinião deste jornal. Os originais não são devolvidos, ainda que não publicados. Proibida a reprodução de matérias, fotos ou outras artes, total ou parcialmente, sem autorização prévia por escrito da empresa editora.

Esportes - C1 e C2 Atualidades - C3 Diversão&Cultura - C4 Classidia - 12 Pág

Edição número

7892

Macapá-AP, quinta-feira, 03 de maio de 2012

A2

Editor: Fabrício Costa - fabriciocosta@jdia.com.br

Editorial

E

Negociação difícil

stá cada vez mais difícil a solução negociada para a greve dos professores. Ontem, o Governo do Estado iniciou nova tática para tratar do assunto. Mobilizou suas forças para combater os grevistas, ao mesmo tempo em que ameaçou encaminhar à Assembléia Legislativa a proposta de reajuste dos servidores, concedendo aos professores o mesmo reajuste linear de 8%, que será concedido aos servidores em geral. Logo de manhã, professores simpáticos ao governo foram para o ataque, exigindo que o presidente do Sinsepeap, Aroldo Rabelo, convoque assembléia geral da categoria, para deliberação sobre a continuação ou o fim do da greve. Do contrário, prometem obrigar o sindicato a fazer a convocação. Para isso, estão mobilizando professores que concordam com a proposta de reajuste de 15,56%, feita pelo Governo. Mesmo alegando desvinculação partidária, porta-vozes desse grupo de professores não conseguiram esconder a preferência governista em suas falas. No calor dos discursos, alguns deles referiam-se a Camilo Capiberibe como “nosso governador”. Acossado, o presidente Rabelo criticou a manobra do Governo, de tentar provocar um racha na classe da educação. Ele garante

que não convoca assembléia geral enquanto o governo não apresentar uma nova proposta que contemple os interesses da categoria. A atual proposta, garante Rabelo, não representa nenhum avanço em relação à anterior. Uma coisa é certa: a nova estratégia governista acabou produzindo o acirramento dos ânimos, servindo, também, como fator de mobilização das forças sindicais favoráveis à greve. O movimento parece ter ganhado novo vigor durante o dia de ontem. No meio da manhã, os grevistas foram em peso à Assembléia Legislativa, onde encontraram um ambiente favorável ao discurso contra o Governo. Parlamentares da oposição discursaram na sessão, estimulados pela efusiva recepção recebida a cada vez que repetiam o bordão usado pelo PSB na campanha eleitoral de 2010: Dinheiro tem, falta gestão. Como o governador terá que encaminhar o projeto de reajuste dos servidores ao Legislativo, para aprovação, é certo que o debate vai ganhar mais intensidade nos próximos dias, por conta da pendência entre Governo e profissionais da educação. Um clima que, como já foi dito no início deste editorial, não contribui em nada para a solução negociada.

Hora-Hora

Missão - O ex-governador Pedro Paulo (PP) está reaparecendo na cena política. Assegura que tem uma missão prioritária em sua vida, desde setembro de 2010: provar sua inocência nas denúncias referentes à Operação Mãos Limpas.

muitos, a Assembléia Legislativa perdeu em qualidade, em função das trocas que foi obrigada a fazer por conta de circunstâncias externas: saíram Paulo José e Dalto Martins, entrando no lugar Gatinho e Raimunda Beirão, respectivamente.

Recolhimento – Segundo ele, temporada que passou em Ferreira Gomes foi parte da missão. Tirou tempo para estudar detalhadamente a situação, para compreendê-la e, a partir daí, definir sua estratégia de ação.

Qualidade - Avaliação sobre a mudança não é tanto em função de quem entra, mas pela qualidade dos que saíram, ambos muito bons de tribuna e de articulação política.

Apoio – Professores em greve ocuparam tribunas da Assembleia Legislativa ontem, para acompanhar sessão em que presidente do Sindicato, Aroldo Rabelo, foi pedir apoio à causa dos professores em greve. Dinheiro tem... – Parecia ensaiado: a cada vez que alguém, discursando no plenário, falava a primeira parte do slogan do PSB na campanha eleitoral de 2010 – Dinheiro tem – os manifestantes completavam da tribuna: Falta gestão. Perdas e danos – Para

Outra face – Campeão de quase tudo nos últimos anos, o Barcelona não vai bem em 2012. Ficou fora da Liga dos Campeões da Europa e agora vê seu arqui-inimigo Real Madrid ser campeão espanhol. Chororô - Para completar, recorreu ao tradicional chororô dos derrotados: jogou a culpa nos juízes. O técnico Guardiola, que vive seus últimos momentos no clube, diz que o Real mereceu ser campeão, mas acrescentou que o Barça foi prejudicado pelas arbitragens no Campeonato Espanhol.

Frases do Dia

“Você nunca sabe que resultados virão da sua ação. Mas se você não fizer nada, não existirão resultados. ” (Mahatma Gandhi) “Não sabendo que era impossível, ele foi lá e fez. ” (Jean Cocteau) “Não é a altura, nem o peso, nem os músculos que tornam uma pessoa grande, é a sua sensibilidade sem tamanho. ” (Martha Medeiros) “O verdadeiro homem mede a sua força, quando se defronta com o obstáculo. ” (Antoine de Saint-Exupéry)


JD

“ ”

Geral

Entre Aspas

JANDERSON CANTANHEDE Jornalista cantanhede@jdia.com.br

Abacaxi - Jogaram para as costas dos deputados o abacaxi da greve dos professores que completa amanhã duas semanas de paralisação. Inocência de quem pensou que o Legislativo negará o pedido da classe.

Pela lógica – Se os próprios deputados, ao discutirem o orçamento deste ano, mostraram-se contra o texto enviado pelo governo, ainda no ano passado, é claro que vão descascar o abacaxi e ainda vão jogar as cascas para cima do Setentrião. Direito - Durante as discussões do orçamento, os deputados alteraram para mais a verba da educação. E é claro que mostram estar de pleno acordo que os professores possuem sim direito ao reajuste. Aposta - Porém, o governo resolveu apostar alto e encaminhou à Assembleia apenas um reajuste de 8%. Os professores querem 20%. Na melhor boa vontade a Secretaria de Educação disse que dá 15,57%. Resultado: ninguém fala a mesma língua e mais cedo ou mais tarde isso vai acabar na Justiça. Apostam? Complexo – Ontem, no feriado do Dia do Trabalhador, fiquei assistindo na Globo News, alguns comentários de economistas sobre essa briga que a presidente Dilma abriu com os bancos em relação aos juros. Competitividade - Um deles me deixou muito preo-

cupado quando disse que o Brasil poderá cair no mesmo dilema da Espanha. Segundo o pensamento, não vale a pena só baixar os juros. É preciso que o país tenha competitividade em relação ao mercado internacional, o que não está ocorrendo. Não entendo muito de economia, mas pelo o que pude analisar, a ideia faz sentido! Reunindo - O PPS realizará um evento fechado no próximo domingo (6), na Avenida Maranhão 460, Pacoval, para filiados, convidados e pré-candidatos à Prefeito e Vereadores. Missão de Alan - Em Macapá, o partido já confirmou o nome de Allan Sales como pré-candidato à Prefeitura. Ele tem trabalhado nas bases do partido e tem como missão conciliar crescimento partidário e pré-candidaturas que o PPS tem em 2012, que é uma conexão direta para 2014. Diálogo - Os aliados de 2012 serão provavelmente os aliados de 2014 na sucessão do Setentrião. Hoje há um diálogo com o PSDB, PSOL, PSC, PSB, PV, PRB e PSDC nos 16 municípios, onde os partidos têm nos sete municípios, pré-candidatos a prefeito. Última chance - Os contri-

buintes que ainda não prestaram contas com o leão têm nova oportunidade. Desde ontem, a Receita Federal voltou a disponibilizar em seu site o programa gerador da declaração, que foi retirado do ar às 23h59m59s de segunda-feira, instante em que o prazo normal para a entrega do documento foi encerrado. Menor e maior - O órgão recebeu 25.244.122 declarações, um pouco menos que as 25,4 milhões esperadas. Mas o número superou o do ano passado, quando 24,3 milhões de contribuintes enviaram seus dados. Multa - Quem ainda não baixou o programa deve acessar o site www.receita. fazenda.gov.br. A multa pelo atraso é de R$ 165,74 ou 20% do imposto devido, prevalecendo o maior valor. O programa já está atualizado para o cálculo da multa para quem entregar com atraso. Até que enfim – A limpeza da Avenida José Adilson Pinto Pereira, que recentemente foi duplicada, já começou a ser feita pela Prefeitura de Macapá. Até que enfim. Afinal de contas, é um dos cartões postais da urbanização de nossa cidade. Um bom exemplo para os prefeitos que chegam do interior. Até amanhã...

“O jornalismo é, antes de tudo e sobretudo, a prática diária da inteligência e o exercício cotidiano do caráter” (Claudio Abramo) Siga: @cantanhede_AP Acesse: jandersoncantanhede.wordpress.com Email: cantanhede@jdia.com.br

Macapá-AP, quinta-feira, 03 de maio de 2012

A3

Editor: Fabrício Costa - fabriciocosta@jdia.com.br

Governador diz que valoriza servidor e que propostas serão diferenciadas Camilo Capiberibe pediu fim da greve aos educadores

O

governador do Amapá, Camilo Capiberibe, participou ontem (2), do bloco de entrevistas do programa “Jornal Primeira Notícia”, da Rádio Difusora de Macapá (RDM). Iniciou parabenizando os trabalhadores amapaenses pela passagem do Dia do Trabalhador, comemorado nesta terça-feira, 1º de maio, e lembrou o fato de o Amapá ter sido, em 2011, o Estado que mais gerou emprego formal no Brasil. “Isso mostra o nosso compromisso, a nossa atenção política de garantir, através das ações de governo, que o desenvolvimento chegue para todos os amapaenses”. Ele destacou ainda que todas as obras do Programa de Aceleração Crescimento (PAC), que estavam paralisadas, foram retomadas; a licitação dos dois programas habitacionais

que estão em andamento; as ações que estão sendo feitas no setor de água e esgoto em Macapá e Santana; além dos investimentos com recursos próprios como a retomada das obras nas escolas estaduais. Camilo Capiberibe anunciou para a segunda quinzena de maio o lançamento do PAC Habitação do programa Minha Casa, Minha Vida, que irá gerar 800 mil empregos diretos e contribuirá para mais desenvolvimento econômico. “Isso irá proporcionar mais autonomia e dignidade para a população do nosso Estado”, afirmou o governador. Durante a entrevista, o governador falou também a respeito dos concursados nomeados que, só em 2011, foram 1.200 novos profissionais para o setor da segurança pública do Estado do Amapá.

Aumento O governador Camilo Capiberibe disse que 15,56% é a maior proposta de reajuste feita por um governo nos últimos 16 anos. “Estamos valorizando e enxergando a importância da categoria e tratando os profissionais inclusive de forma diferenciada”, afirmou o governador. Ele aproveitou a oportunidade para fazer um apelo aos profissionais da educação pelo fim da greve, pois estão prejudicando os estudantes, os próprios professores, comprometendo com isso as suas férias escolares e seus desempenhos. “Seria uma irresponsabilidade minha como governador de comprometer todo o recurso da educação para pagar os salários dos professores. Precisamos fazer a manutenção das escolas, o transporte escolar”, explicou Camilo.

Reajuste de 15% do GEA é aprovado pela Associação dos Servidores Militares

E

m assembleia geral extraordinária, realizada segunda-feira (30), a Associação dos Servidores Militares do Estado do Amapá (Asmeap) aprovou por unanimidade o reajuste salarial de 15% proposto pelo Governo do Estado do Amapá (GEA). A proposta havia sido encami-

nhada pelo Executivo em reunião da Mesa de Negociação entre GEA e Asmeap, ocorrida no dia 18 de abril. A aprovação do reajuste salarial de 15% aos militares foi comunicada ao secretário de Estado da Justiça e Segurança Pública, Marcos Roberto Marques,

pelo presidente da Asmeap, o tenente PM Álvaro de Oliveira Corrêa Júnior. O reajuste vai incidir sobre os subsídios de aproximadamente 5 mil policiais e bombeiros militares amapaenses. O secretário Marcos Roberto Marques elogiou a decisão dos militares.

Monte Concept é o novo conceito da construção em Macapá

C

om mais 30 anos de história no Amapá, a loja Monte Casa e Construção sai mais uma vez na frente e inaugura hoje (3), às 19h o espaço Monte Concept: Acabamentos Finos. Criado para atender a clientela cada vez mais exigente, o setor oferece um novo conceito de espaço para produtos e serviços. Sofisticação e personalidade serão marcas do atendimento. O atendimento foi idealizado com o objetivo de disponibilizar conforto e satisfação aos arquitetos, construtores, decoradores e designes que desejam elaborar seus projetos e satisfazer as necessidades de seus clientes, com produtos sofisticados e diferenciados.

O Home Center que hoje já atende o mais variado público amapaense observou a necessidade de ampliar o atendimento para aqueles clientes e profissionais que estavam em busca de produtos mais requintados, o que acabava fazendo com que eles o encontrassem fora do Estado. O orientador profissional da Monte Casa e Construção, Arthur Monteiro, explicou que a ideia de desenvolver o projeto visou suprir a necessidade desses clientes, ampliando a oferta de produtos a profissionais arquitetos, por exemplo, auxiliando-os em seus projetos. “Neste departamento, o cliente poderá conhecer um portfólio de produtos, com tudo

o que há de mais moderno e fino no que se referem a acabamentos, revestimentos, pisos, metais e louças. São peças de mais de cinco fabricantes conhecidos em todo país” acrescentou o orientador. A proposta é dispor de um espaço diferenciado, comercializando produtos com tecnologia, qualidade e beleza, como forma de garantir a satisfação dos clientes. No ambiente será possível encontrar acessórios para banheiros e lavabos dos mais variados tamanhos e design, além de revestimentos que darão mais estilo à construção, tais como cerâmicos, porcelanatos e azulejos. que podem ser utilizados em paredes de cozinha, banheiros, salas e pisos em

HEVERTON MENDES

geral. O especificador, Artur Monteiro ainda reforça que o espaço Monte Concept,a oferecerá ao consumidor o conhecimento técnico, disponibilizando um profissional para auxiliar na escolha do melhor produto. “Muitas vezes nossos clientes buscavam o material para o acabamento em outros Estados do Brasil, agora ele vai ter tudo ao seu alcance e a pronta entrega”, disse. Serviço A Monte Casa e Construção funciona em Macapá e Santana, nos horários de 8h as 18h30, com entrega de mercadorias em 24 horas nos dois municípios. O showroom da Monte Concept foi instalado estrate-

Novo espaço reúne o que há de mais moderno e sofisticado no mercado

gicamente na Monte Matriz, localizada na avenida Padre Júlio, no bairro San-

ta Rita. O espaço estará aberto para o público a partir desta sexta-feira.

Instituto de Oncologia e Mastologia lança 1º Centro de Radioterapia

N

a próxima sexta-feira, 4 de maio, o Instituto de Oncologia e Mastologia (IOM), realiza o lançamento do 1º Centro de Radioterapia do Estado do Amapá. O evento vai marcar a história da saúde no Amapá, por tratar-se de um serviço especializado, de alta complexidade, inexistente no Estado, que visa atender pacientes com câncer que necessitam deste tipo de tratamento. Amapá e Roraima são os únicos estados brasileiros que ainda não possuem Radioterapia, sendo necessário mandar seus pacientes para outros estados como Belém,

Maranhão, Goiânia, Brasília, entre outros, causando atrasos no tratamento e até perda dos mesmos. Além de gastos financeiros elevados para os pacientes, familiares e para o Estado. A Radioterapia é uma das formas de tratamento de câncer, que utiliza feixes de radiação ionizante para destruir as células tumorais. Uma dose pré-calculada de radiação é aplicada, em um determinado tempo, a um volume de tecido que engloba o tumor, buscando erradicar todas as células tumorais, com menor dano possível às células normais circunvizinhas. Como é um méto-

do de tratamento local ou regional, pode ser indicado de forma exclusiva ou associado a outros métodos terapêuticos, como a cirurgia e quimioterapia. O equipamento de Radioterapia adquirido pelo IOM é de alta tecnologia, equiparando-se aos principais centros de Radioterapia da Europa e dos Estados Unidos, com capacidade de diferenciar-se entre outras clínicas e hospitais no Brasil, garantindo cobertura de todas as modalidades de tratamento, com agilidade e rapidez, maior precisão ao atingir o tumor, preservando os órgãos ao redor, causando menos

efeitos colaterais e com capacidade de atender de 80 a 100 pacientes por dia. Com a criação do Centro de Radioterapia, o IOM passa a oferecer um serviço completo de tratamento para portadores de câncer, com uma equipe multiprofissional altamente qualificada e capacitada, não sendo mais necessário os pacientes saírem do aconchego do seu lar, de perto de seus familiares e amigos, em busca de tratamento em outras cidades. “Fico feliz por estar concretizando um sonho que vem sendo construído desde 2008, pois

como médico oncologista(único no Estado do Amapá), acompanho diariamente o sofrimento e a angustia de pacientes, familiares e amigos, pela espera de uma vaga em outro estado para iniciarseu tratamento, causando-lhes assim, muitas vezes, a perda da chance de tratar-se, porque o câncer não espera.Uma vez diagnosticado, a intervenção tem que ser rápida, contínua e precisa”, ressaltou o médico Benjamin Barbosa, oncologista clínico. O Instituto Fundado em 20 de Janeiro de 2004, tem como

proposta oferecer um serviço humanizado, com equipe multiprofissional especializada para o tratamento de pacientes com câncer. Os médicos que compõem o corpo clínico possuem formação nos centros mais avançados do país, mantendo contato permanente com os principais serviços de oncologia do Brasil. A equipe é formada por oncologista clínico, cirurgião oncológico, mastologista/onco-ginecologista, especialista em dor, onco-hematologista, cuidados paliativos, psicólogo, nutricionista e enfermagem especializada.


JD

Geral

Macapá-AP, quinta-feira, 03 de maio de 2012

Repasse de verbas atrasa e atinge merende escolar Instituições estão com dificuldades pra manter as contas desde 2011

D

esde agosto do ano passado, as escolas estaduais estão com dificuldades em manter suas contas em dia, fato que vem refletindo na atual situação das instituições, que estão sendo atingidas pelas faltas do repasse financeiro responsável pela merenda escolas e manutenção dos colégios. A denúncia foi feita por um diretor de escola, que não quis se identificar por temer represálias, mas de forma anônima contou a situação a reportagem do Jornal do Dia. Segundo o gestor o ano de 2012 vem refletindo a falta de repasse em 2011, momento em que as escolas ficaram sem receber os meses de agosto, setembro, outubro e novembro, e acumularam dividas que se arrastam até a atualidade. “As dificuldades iniciaram em agosto do ano passado, momento em que os repasses deixaram de acontecer, e as dívidas das escolas, com os fornecedores, começaram a acumular. E hoje a situação ainda não melhorou e não se tem previsão para o controle dos débitos” explicou o gestor. De acordo com o diretor outro ponto que atrapalhou as gestões foram os bloqueios que ocorreram nas contas das escolas, por conta de ações trabalhistas, fato que atingiu ainda mais as escolas do ponto de vista financeiro. “Por conta disso até hoje as dívidas estão acumuladas e nenhuma resposta é repassada pelo governo, fato que nos deixa ainda mais sem perspectivas, e sem saber como atuar, já que o déficit financeiro atinge a maioria das escolas estaduais” concluiu. Seed A reportagem procurou a Secretaria Estadual de Educação (Seed) para saber mais sobre o assunto e foi

HEVERTON MENDES

Secretária Adjunta de apoio à gestão, Lúcia Furlan explicou que o bloqueio se deu por conta de dívidas trabalhistas

atendida pela Secretária Adjunta de apoio a gestão, Lúcia Furlan, que confirmou que os repasses foram atrasados, mas que aos poucos os mesmos estão sendo executado. “Realmente houve no segundo semestre do ano passado uma crise que se instalou no Governo, fato que impediu que quatro repasses fossem efetuados, porém hoje só dois estão pendentes, que são os de outubro e novembro, já que agosto e setembro foram pagos em fevereiro desse ano” explicou Lúcia Furlan. A secretária adjunto ainda explicou que os bloqueios das contas, por conta das causas trabalhistas nada tem a ver com os atrasos nos repasses designados a merenda escolar. “São duas situações distintas, a primeira se explica pela falta de caixa financeiro, para que os repasses de manutenção e merendas

fossem repassados, já o segundo, que está relacionado com as causas trabalhistas, não deve atrapalhar as gestões, uma vez que essa dívida foi negociada pelo GEA, e terá seus pagamentos efetuados pelo caixa do Governo e não pelo responsável por repasses a educação” continuou Lúcia. A secretária foi mais além e contou que os problemas financeiros que atingiram a Seed e a Seplan estão refletindo nos atuais repasses escolares, pois com os atrasos do ano passados, os meses iniciais de 2012 também estão por serem efetuados. “Foi pago em fevereiro o repasse referente a agosto e setembro do ano passado, porém os meses de outubro e novembro ainda estão nas listas de esforços do Governo, pois não há como efetuar essas transferências sem que os meses desse ano sejam atingidos,

tanto é que nós efetuamos esse pagamento em fevereiro e só efetuamos um segundo repasse no final de março, que foi referente ao mês de janeiro, para que as escolas pudessem se preparar para o retorno as aulas” disse Lúcia. Segundo a representante da Seed, além dos meses de outubro e novembro de 2011, os repasses dos meses de fevereiro, março e abril não ocorreram, mas que as mobilizações entre Seed e Seplan estão sendo efetuadas para que esses sejam efetuadas. Toda essa situação levou o diretor a afirmar que o GEA está fazendo um falso testemunho a população, quando afirma que a merenda regionalizada está ocorrendo normalmente e que os repasses estão sendo executados, uma vez que a realidade dentro das escolas é outra.

CRTN contabiliza 17 mil atendimentos e acupuntura é a maior solicitação

S

omente nos primeiros cinco meses deste ano, o Centro de Referência em Tratamento Natural do Amapá (CRTN) já contabilizou 17, 5 mil atendimentos de terapias naturais no Estado, o que significa um aumento de 11% em ralação ao ano passado. O procedimento mais realizado é o de acupuntura. Segundo o gerente-geral do CRTN, Jarbas Ataíde, o aumento foi de 2 mil atendimentos, o que mostra o investimento do Estado nas terapias naturais. “Essa tendência de crescimento de demanda justifica investimento no setor e de pessoas qualificadas, reforçando a contratação de pessoal capacitado para a área de terapias complementares”, afirmou Jarbas. O CRTN existe desde 2004, está vinculado à Secretaria de Estado da Saúde (Sesa) e presta atendimento ambulatorial em terapias naturais complementares e integrativas. O objetivo é atender usuários em busca da saúde e qualidade de vida, através de procedimentos e práticas de promoção e prevenção da saúde com serviços como fitoterapia, acupuntura, homeopatia, massoterapia, geoterapia, trofoterapia, yogaterapia,

Acupuntura é a maior solicitação dos 17,5 mil atendimentos realizados no CRTN

fisioterapia, terapia holística, aurículoterapia, orientação alimentar e demais práticas inseridas e preconizadas pela Política Nacional das Práticas Integrativas e Complementares. O Centro ainda põe em prática projetos como o “CRTN Itinerante na Comunidade”, que desloca sua equipe técnica até ações desenvolvidas por entidades privadas e órgãos governamentais. O intuito é ampliar o acesso aos usuários do Sistema Único de Saúde (SUS) e, em contrapartida, aproxi-

mar e fazer com que a sociedade conheça o trabalho desenvolvido pelo CRTN. Em 2011, atingiu a marca dos 85 mil atendimentos realizados. São 6 mil procedimentos mensais e 300 procedimentos diários, o que mostra o reconhecimento da população e confiança na qualidade dos serviços oferecidos. Para o ano de 2012, o CRTN pretende ampliar e expandir os serviços já oferecidos e estabelecer parcerias. A ideia é que dois núcleos comecem a

funcionar até o fim do ano. Além disso, a meta é avançar ainda mais no projeto “CRTN Itinerante na Comunidade”. A estimativa é de que se chegue aos 123 mil atendimentos. “Com todas essas vantagens para a saúde pública, desafogando a assistência curativa ambulatorial e as internações hospitalares, reduzindo custos e diminuindo riscos e agravos, a população terá ganhos significativos com a implementação de outros pontos de terapias”, finalizou Jarbas Ataíde.

A4

Editor: Fabrício Costa - fabriciocosta@jdia.com.br

Bastidores da notícia

RODOLFO JUAREZ

Jornalista rodolfojuares@gmail.com As contas Os professores da rede estadual de ensino continuam fazendo as contas e não estão chegando aos números que são mostrados pelo Governo. Dizem eles que o aumento que estavam pleiteando fica bem abaixo dos 26% que teve de aumento o orçamento da Secretaria de Educação que passou de 672 milhões para 839 milhões. Os professores dizem que fizeram simulações com o salário mínimo nacional, com todos os professores com a regência de sala de aula e aumento não chega nem nos 20%. Dizem que querem discutir com os técnicos do governo as contas e não as fazes de efeito. Secretário Em entrevista a uma emissora local de televisão, onde também estava o presidente do Sindicato que representa os professores nas reivindicações salariais e de melhoria das condições de trabalho, o secretário de educação do Estado queria, por todos os meios, que o presidente marcasse uma assembléia geral do sindicato. Usava dos métodos ditatoriais e de quem não tinha argumento para continuar a discussão. Procurava uma “janela” para poder continuar respirando ou transferir a responsabilidade. Projeto do aumento linear O governador do Estado prometeu que enviaria para a Assembleia Legislativa o aumento linear para os funcionários públicos do Estado limitado em 8%, de acordo com os estudos feitos pelos técnicos do próprio Governo. Os professores estão inconformados com a decisão uma vez que já tinham chegado a 15% e estão dispostos a atuar junto aos legisladores para evitar que o nível proposto seja mantido. O fato é que o governador tinha até o dia 30 para fazer essa remessa, mas que por desacordo, inclusive com os professores, foi até ao limite do tempo. Relações prejudicadas Estão muito prejudicadas as relações entre os órgãos centrais do Estado do Amapá. A Assembléia e o Ministério Público estão abrindo um fosso muito grande entre os dois órgãos e o mesmo está acontecendo entre a Assembléia e o Governo do Estado. Se continuar assim, as perspectivas de retomada da normalidade ainda estão muito distantes. Se os parlamentares federais ou os presidentes dos partidos que estão diretamente afetados tivessem força política e representatividade, poderiam, nesse momento, contribuir para o retorno à normalidade institucional. Como está os horizontes estão com previsão de muitos ventos fortes. Visão para todos As reclamações daqueles que estão precisando cuidar dos olhos, principalmente com cirurgias, estão reclamando muito do Programa Visão para Todos. Ainda na semana passada pacientes fizeram protestos por causa da falta de atendimento. O gerente do projeto Nilson França, por outro lado, afirmou que tudo está normal e colocou o telefone 3131-2425 para atender todos aqueles que estão tendo problemas para o atendimento. Diz o gerente que tudo é uma questão de

conversa. Inauguração A entrega do prédio da Biblioteca Elcy Lacerda na sexta-feira, dia 27 de abril, foi motivo de grande festa por parte de professores e alunos que esperavam a devolução do local há mais de 3 anos. A festa só não foi melhor por causa do clima de instabilidade que está criado entre os professores da rede estadual de ensino e o Governo que, nesse mesmo momento, discutiam e não chegavam a qualquer acordo, as bases salariais para este ano. Os medos acabaram tomando conta do ambiente. Interveção Devido à repetição de problemas, considerados de fácil solução, o secretário Eraldo Trindade, responsável pela secretaria do município de Macapá que fiscaliza os serviços da empresa contratada para fazer a coleta, transporte e o destino final do lixo doméstico de Macapá, tomou uma decisão drástica e que retrata a ineficiência administrativa da empresa que detém a concessão dos serviços – nomeou um interventor administrativo para a empresa, medida prevista contratualmente e que foi utilizada como modo extremo de procedimento. Segundo Eraldo Trindade, os resultados obtidos depois da intervenção já são bem melhores. Concurso público Pelo menos 102 concursos públicos em todo o país estão com inscrições abertas neste inicio do mês e reúnem 31.606 vagas em cargos de todos os níveis de escolaridade. Os salários chegam a R$ 21.766,15 no Tribunal Regional do Trabalho da 11ª Região (Roraima e Amazonas). Só na Prefeitura de Nova Iguaçu, no Rio de Janeiro, são 2.616 vagas. Além das vagas abertas, há concursos para formação de cadastro de reserva, ou seja, os aprovados são chamados conforme a abertura de vagas durante a validade do concurso. No Amapá Aqui no Estado do Amapá estão abertos os concursos para 1.492 vagas na Secretaria de Estado da Educação, com salário que vão até R$ 2.643,09, para nível médio, técnico e superior; para a Secretaria de Estado da Saúde, são 1.593 vagas com salários que vão até R$ 6.112,98 para nível médio e superior. Declaração do IRPF O prazo para a entrega da declaração de Imposto de Renda Pessoa Física (IRPF) 2012 terminou às 23h59 da segunda-feira, dia 30. O contribuinte que não conseguiu enviar a declaração tem, a partir de hoje, quarta-feira, dia 2, aberto o período para regularizar sua situação – mas, quanto antes fizer isso, melhor – alertam os especialistas. Novo programa De acordo com a Receita Federal, o sistema do Imposto de Renda usado no período entre 1º de março e 30 de abril deste ano sai do ar e um novo programa fica disponível desde as 8h de quarta-feira. O Fisco explica que esta substituição é necessária para que, a partir de então, o novo programa já inclua o cálculo das multas.


Política

JD

Macapá-AP, quinta-feira, 03 de maio de 2012

A5

Editor: Túlio Pantoja - tuliopantoja@hotmail.com

STJ nega pedido de prisão para o governador do DF

Pedido da deputada Celina Leão (PSD), para a Corte, não foram suficientes para motivar a prisão sob suspeita de fraudes

O

Superior Tribunal de Justiça (STJ) rejeitou ontem o pedido de prisão preventiva contra Agnelo Queiroz (PT), governador do Distrito Federal. O pedido foi solicitado pela deputada distrital Celina Leão (PSD) no inquérito que apura fraudes no Ministério dos Esportes e foi rejeitado por unanimidade pela Corte Especial. “Os indícios de autoria e materialidade colhidos ainda não são suficientes para fundamentar o decreto de prisão preventiva, considerando a fase atual das investigações”, afirmou o ministro Cesar Asfor Rocha, relator do processo, em seu voto. Asfor Rocha

acolheu parecer do procurador-geral da República, Roberto Gurgel. O pedido da deputada se apoiou em notícias divulgadas pela imprensa que, para a Corte, não foram suficientes para motivar a prisão. Os ministros Gilson Dipp, Arnaldo Esteves Lima e Maria Thereza de Assis Moura rejeitaram a prisão porque a deputada “não teria legitimidade para apresentar esse tipo de pedido”. Espionagem Receoso de que tenha sido bisbilhotado dentro do próprio governo do Distrito Federal, o vice-governador Tadeu Filippelli (PMDB) decidiu ontem pedir formalmente ao Supe-

rior Tribunal de Justiça (STJ) e à Procuradoria-Geral da República (PGR) explicações sobre a suposta rede de espionagem ilegal que teria sido montada na Casa Militar. A suspeita azedou a relação do governador Agnelo Queiroz (PT) com o vice, que comanda no DF o principal partido da base aliada. Denúncias Segundo denúncias da oposição, um núcleo de inteligência, supostamente montado pelo coronel Rogério Leão, chefe da Casa Militar do governador, teria quebrado sigilos pessoais de cerca de 80 pessoas e grampeado autoridades, jornalistas e po-

líticos - de adversários a aliados de Agnelo. Entre eles estariam o deputado federal Fernando Francischini (PSDB-PR), o jornalista Edson Sombra, que edita um blog crítico ao governo e o próprio Filippelli, maior beneficiário de um fracasso de Agnelo. Filippelli já havia feito a mesma consulta ao Ministério Público local, que, numa investigação de rotina, teria descoberto a existência de uma rede de grampos no Palácio do Buriti. Mas, diante de resposta ambígua, recebida ontem, ele resolveu recorrer às instâncias federais. “Prefiro não acreditar que algo tão absurdo tenha acontecido”, disse o vice

A suspeita azedou a relação do governador do Distrito Federal Agnelo Queiroz (PT) com o vice, que comanda no DF o principal partido da base aliada

por meio de nota. Ele alega que desconhece a existência do núcleo de inteligência, mas por uma questão institucional e para preservar o governo, decidiu dirimir a dúvida. Na resposta que deu à consulta, o MP do DF alega que não há “nenhuma investigação em curso que envolva as notícias” relacionadas à rede de espionagem. Mas ressalva que, por ser governador, Agnelo goza de foro especial no STJ e na PGR. Uma vez que os fatos divulgados na imprensa implicam o governador, anota a instituição, “a atribuição para instaurar procedimento administrativo investigatório é do próprio Ministério Público

Federal”. CPI A suspeita da rede de espionagem, objeto de uma CPI instalada na Câmara Distrital, começou depois que Francischini, que é delegado federal, descobriu que seus dados foram acessados no Infoseg - rede protegida de dados de Segurança Pública dos cidadãos de todo o País, administrada pelo Ministério da Justiça - por dois militares ligados ao coronel Leão. Pelo porta-voz, Ugo Braga, o governador negou as acusações e disse que sua relação com Filippelli é respeitosa e baseada na confiança mútua.

Novo ministro quer unir PDT à presidente Dilma

A

pontado por correligionários como uma escolha pessoal da presidente Dilma Rousseff, o novo ministro do Trabalho, Brizola Neto (PDT-RJ), reiterou ontem que o seu primeiro desafio à frente da pasta será unificar o partido. Foi a própria presidente quem havia dado essa missão a ele. Ao participar da comemoração do Dia do Trabalho em São Paulo, ele evitou falar de questões específicas relativas a sua nova função e minimizou o fato de o seu nome não ser unanimidade dentro da sigla. “Será importante o partido dar essa sinalização de unidade agora. E eu creio que não vamos ter grandes dificuldades nisso, porque existem questões muito maiores

nos unindo do que as pequenas divergências dentro do processo de escolha de quem seria o ministro.” O deputado Paulinho da Força (PDT-SP), presidente da Força Sindical, também negou que o PDT esteja “rachado” com a indicação de Brizola Neto e disse que a falta de consenso em torno de um único nome é algo natural. “Havia três candidatos em um partido que é (de tamanho) médio, então a tendência é de ter um puxando para um lado e outro para o outro”, explicou. Moeda de troca Paulinho insistiu ainda que a nomeação de um novo ministro filiado ao PDT não vai ser usada como moeda de troca para negociar uma futura aliança em torno da candidatura do petista Fernando Haddad em São Paulo. “Eu sou candidato (à Prefeitura) e na próxima segunda-feira me licencio da Força Sindical para tratar exclusivamente da campanha”, disse. O próprio Haddad afirmou ontem que não trabalha com o apoio do PDT para o primeiro turno das eleições deste ano. “As conversas estão mais avançadas em relação ao PR e ao PSB. E eu acredito que o PDT se coloca na perspectiva de lançar candidato próprio”, disse. O palco da festa organizada pela Força Sindical foi usado para tentar mostrar a união do PDT com o governo federal. As declarações dos líderes políticos tentaram expressar disposição em colocar fim no período de estremecimento entre PDT e PT, que teve como clímax a saída do ex-ministro do Trabalho Carlos Lupi (PDT).


Economia

JD

Macapá-AP, quinta-feira, 03 de maio de 2012

A6

Editor: Túlio Pantoja - tuliopantoja@jdia.com.br

Dilma chama centrais sindicais, empresários e políticos para discutir crescimento econômico

Uma das pautas do encontro seria mais uma tentativa de estimular os empresários a não desistirem de investir AGÊNCIA BRASIL Economia

A

presidente Dilma Rousseff inicia uma rodada de reuniões com centrais sindicais, empresários e conselho político. O foco é reforçar a necessidade de medidas para garantir o crescimento econômico do País. A estratégia para esses encontros está sendo discutida neste momento entre o ministro da Fazenda, Guido Mantega, e a presidente Dilma. Mantega antecipou seu retorno a Brasília, que estava previsto para a tarde. Entre as medidas que o governo estuda, mas ainda depende de uma série de circunstâncias, está a redução da rentabilidade da caderneta de poupança. Os estudos do governo estão concluídos e a avaliação está apenas na definição do timing para a divulgação da proposta. Na quinta-feira, Dilma se reúne com líderes governistas e partidários, que formam o conselho político. Em seguida, ela se reunirá com sindicalistas

e participará da posse do novo ministro do Trabalho, Brizola Neto, marcada para as 11 horas. Movimento sindical Os sindicalistas já estão em Brasília e participam da reunião da Mesa Permanente de Negociação, com o ministro da Secretaria Geral, Gilberto Carvalho. Dilma se reuniu ontem com empresários. O discurso é mais uma tentativa de estimular os empresários a não desistirem de investir no País. Sem esses investimentos, o ritmo de crescimento da economia pode mesmo confirmar as previsões mais pessimistas. Embora a situação do Brasil esteja distinta dos países europeus, um agravamento da crise na zona do euro, com mais países sendo arrastados para a recessão, força o governo brasileiro a buscar saída para o aumento da produção e do fortalecimento do mercado interno, com uma maior demanda por parte dos consumidores. Embora o governo trabalhe com a expectativa de um crescimento de 4,5%, a

Momento político Esse é o momento ideal para a presidente Dilma colocar claramente o que pretende como resultado de sua política econômica. Ela desfruta de uma elevadíssima popularidade que dá amparo à intensidade de suas posições contrárias à alta dos juros e dos spreads bancários. No pronunciamento que fez em comemoração ao Dia do Trabalho, a presidente não poupou críticas aos bancos e reforçou a necessidade de o País ter uma taxa de câmbio compatível com as condições macroeconômicas do País. Como se trata de uma matéria polêmica e que depende do apoio do Congresso para sua aprovação.

Caixa começa feirões de imóveis nesta semana com juros reduzidos A

partir desta sexta-feira, dia 4, os consumidores já podem conferir as taxas de juros do crédito imobiliário reduzidas na Caixa Econômica Federal. O banco promove até 10 de junho a oitava edição do Feirão Caixa da Casa Própria, em treze grandes cidades brasileiras. O Feirão promete estimular a aquisição da casa própria pelas famílias, ao oferecer mais de 430 mil imóveis novos, usados e na planta. Segundo o vice-presidente de Governo e Habitação da Caixa, José Urbano Duarte, “a grande vantagem do Feirão é a possibilidade de se realizar o processo de aquisição do imóvel num único espaço, onde estão, juntos, todos os agentes da

cadeia da habitação, como construtoras, corretores, cartórios e técnicos, responsáveis por analisar e liberar os financiamentos, o que poupa tempo e dinheiro para as famílias”. A oitava edição do evento vai contar com mais de 760 construtoras, quase 400 imobiliárias e 460 correspondentes do banco. Amapá de fora As primeiras cidades a receberem o Feirão serão Belo Horizonte, Brasília, Recife, Rio de Janeiro e Salvador, entre os dias 4 e 6 de maio. Curitiba, Fortaleza e São Paulo terão o evento entre os dias 18 a 20 de maio. De 25 a 27 do mesmo mês, chega a vez de Uberlândia, Campinas e Porto

Alegre. As últimas cidades serão Belém e Florianópolis, entre os dias 8 e 10 de junho. A última edição do evento registrou mais de 450 mil visitantes, com movimentação financeira superior a R$ 10 bilhões, em negócios assinados e encaminhados. As linhas de financiamento para a casa própria da Caixa atendem a todas as faixas de renda familiar, com prazo de pagamento de até 30 anos. Os juros podem variar, dentro do SFH, de 4,6% ao ano até 9% ao ano, para todas as modalidades de financiamento. Para quem quer sair do Feirão com imóvel próprio, basta levar documento de identidade, CPF e comprovante de renda.

Bolsas europeias fecham em queda com alta no desemprego na região A

maioria das bolsas europeias fechou em baixa ontem, após dados mostrarem que a taxa de desemprego nos 17 países que usam o euro subiu para um recorde em março e que o índice de atividade de gerentes de compras (PMI, na sigla em inglês) da zona do euro recuou. Além disso, o setor privado dos EUA criou menos empregos do que os analistas esperavam. O índice Stoxx Europe 600 terminou a sessão em queda de 0,4%, aos 257,39 pontos. Entre os grandes recuos no índice, Vestas Wind Systems AS caiu 5,6% após resultados desapontadores do primeiro trimestre. Na Europa, os mercados começaram o dia em território positivo. Porém, passaram a cair após dados do PMI da zona do euro. Apenas a França apresentou resultado positivo no indicador, o que fez a Bolsa de Paris fechar em leve alta. O setor manufatureiro da zona do euro contraiu-se para o maior nível em quase três anos em abril, indicando que a região continua a encolher. O declínio na atividade manufatureira foi geral na

Divulgação

Setor privado dos EUA criou menos desempregados que o esperado

área, mas mais agudo na Grécia. O PMI caiu para 45,9 em abril, de 47,7 em março. De acordo com o PMI, a atividade manufatureira recuou em todas as três maiores economias da zona do euro, com as encomendas domésticas caindo. Na Alemanha, o recuo foi para 46,2 em abril, de 48,2 em março; na Itália, o número caiu para 43,8, de 47,9 no mês anterior; e na França, houve ligeiro avanço, de 46,7 para 46,9. Na Grécia, o índice caiu para 40,7, de 41,3 em março. Além disso, a taxa

Divulgação

sondagem do mercado revelada na pesquisa Focus, divulgada na segunda, estima um crescimento de 3,2% do Produto Interno Bruto (PIB). A previsão oficial do Banco Central considera uma atividade econômica ao ritmo de 3,5%.

de desemprego nos 17 países que usam o euro subiu para um recorde em março, quando 169 mil pessoas perderam o emprego. Segundo dados da Eurostat, a taxa de desemprego aumentou para 10,9%, de 10,8% em fevereiro, em linha com as previsões e igual à taxa registrada em abril de 1997, que era a mais alta desde o início da série, em 1995. Nos EUA, o setor privado criou 119 mil empregos em abril, segundo o relatório da ADP/Macroeconomic Advisers.

Objetivo do encontro é a buscar saída para o aumento da produção e do fortalecimento do mercado interno

Trabalhadores de Belo Monte não retornaram ao trabalho e greve continua s obras nos canteiros assessoria. Já o Sindicato direção do CCBM teria A da Usina de Belo dos Trabalhadores da aceitado seu pedido de Monte na Volta Grande do Xingu em Altamira do Pará continuam paralisadas nesta quarta-feira. Os trabalhadores estão em greve desde o dia 23. A greve foi decretada ilegal pelo Tribunal Regional do Trabalho (TRT) da 8ª Região no dia 25. No dia 27, a liminar foi suspensa temporariamente a pedido do Consórcio Construtor Belo Monte na Ação Cautelar 000023078/2012 até esta terça-feira, 1º de maio. O Consórcio Construtor Belo Monte (CCBM) informou, através da assessoria, que ontem colocou toda a infraestrutura para a retomada dos serviços inclusive os ônibus que transportam os trabalhadores, mas eles não voltaram. “Eles seguiram fazendo a barricada contrariando a decisão do interdito proibitório que proibiu o fechamento do Travessão no Km 27 a Transamazônica”,disse a

Construção Pesada do Pará (Sintrapav/PA) disse que os trabalhadores não foram trabalhar porque “a empresa não disponibilizou ônibus”. O vice-presidente da entidade, Roginel Gobbo, afirmou que a empresa colocou apenas os ônibus dos serviços essenciais. Ele nega que tenham feito barricada no Travessão. “Fomos lá para observar”, disse. Gobbo acredita que a

conceder a quarta-feira de folga considerando que nos próximos dois dias (quinta e sexta-feira) os trabalhadores estarão de folga por conta do recebimento do salário. Os trabalhadores do CCBM entraram em greve reivindicando reajuste da cesta básica de R$ 95 para R$ 300, e a redução do período de seis para três meses para visita a família.

Embora a empresa disponibiliza-se transporte, a greve continuou

Pobreza real argentina seria três vezes maior do que a oficial A Universidade Católica Argentina (UCA), que elabora um índice próprio de pobreza, anunciou que 21,9% dos argentinos são pobres. O índice da instituição contraria os números oficiais, preparados pelo Instituto Nacional de Estatísticas e Censos (Indec), que sustentou na semana passada que a pobreza quase desapareceu do país, já que somente afetaria 6,5% dos argentinos, o equivalente a 2,6 milhão de pessoas. Mas, segundo o cálculo da UCA, existem 8,7 milhões de pobres na Argentina. Entre ambas estimativas existe uma significativa brecha de 6,1 milhões de pessoas. A UCA também afirma que, dentro da população pobre, a proporção de pessoas indigentes é de 5,4%, enquanto que o Indec sustenta que é de apenas 1,7%. Desta forma, de acordo com o cálculo oficial, somente existiriam 680 mil pesso-

as indigentes em toda a Argentina. Segundo a UCA, os indigentes chegariam a 2,2 milhões. Segundo o Indec, a pobreza teria caído de 53% em 2003 (ano da posse de Nestor Kirchner) para 23,4% em 2007 (ano da posse de Cristina Kirchner). Em 2011, segundo o Indec (ano da reeleição de Cristina), a pobreza foi de 8,3%. Neste ano, com o índice oficial da pobreza em 6,5%, o Indec celebrou “o menor índice dos últimos 30 anos”. No entanto, a UCA, os partidos da oposição, economistas independentes e diversos sindicatos afirmam que não há motivos reais para celebrar. Segundo eles, o governo tenta camuflar a pobreza desde 2007, ano em que o governo Kirchner iniciou uma férrea intervenção no Indec, que implicou na manipulação das estatísticas sobre a inflação, PIB, além da evolução

do número de pobres. Segundo os economistas, a pobreza, que havia caído entre 2003 e 2006, voltou a crescer em 2007. Desta forma, o total de pobres oscilaria atualmente entre 20% e 25% da população. Os economistas indicam que a pobreza na Argentina pode ter-se transformado em um fenômeno “estrutural”, já que não desce do patamar extraoficial de 20%. Segundo o relatório da UCA, a província de Tucumán e os municípios da Grande Buenos Aires concentram os principais bolsões de pobreza. Agustín Salvia, pesquisador do Observatório da Dívida Social da UCA considera que “os programas sociais do governo não foram eficientes para reduzir os índices. É difícil perfurar o piso da pobreza no contexto inflacionário por intermédio da transferência de ingressos”.


JD

Geral

Macapá-AP, quinta-feira, 03 de maio de 2012

Morte de Bin Laden foi o dia mais importante do mandato

A7

Editor: Túlio Pantoja - @jdia.com.br

JD

Mundo

China DIVULGAÇÃO

Essa foi a declaração feita por Obama após sua chegada do Afeganistão

O

presidente americano, Barack Obama, afirmou que a morte de Osama Bin Laden (há um ano) foi o dia mais importante de sua Presidência, em uma entrevista que será divulgada ainda ontem (2). Obama, que retornava de uma visita surpresa ao Afeganistão, concedeu na semana passada uma entrevista ao canal NBC dedicada ao ataque que matou o líder da Al Qaeda no Paquistão, uma missão que sempre foi cercada pelo maior segredo. “Devia ser uma operação muito discreta”, afirmou Obama em declarações que devem ser divulgadas na noite desta quarta-feira e que tiveram alguns trechos postados no site do canal. O presidente enfatizou que “apenas um punhado de membros da equipe da Casa Branca estava a par da missão” e que ele só falou a respeito com sua esposa quando a operação terminou. Responsabilidade Obama explicou que tomou a decisão sozinho, depois de consultar os membros mais próximos de sua equipe, principalmente o vice-presidente Joe Biden, a secretária de Estado Hillary Clinton, o secretário de Defesa na ocasião, Robert Gates, e o chefe do Estado-Maior conjunto Michael Mullen. “Decidi correr o risco (...) A razão pela qual tomei a decisão de enviar os (comandos da marinha) Navy SEALs para tentar capturar ou matar Bin Laden ao invés de outras opções é que tinha total confiança nos Navy SEALs”, declarou. As autoridades tinham 50% de certeza de que Bin Laden estaria no complexo no Paquistão. Hillary e o chefe da CIA na época, Leon Panetta, se inclinaram por um ataque de comandos, mas Gates preferia um bombardeio. Após o ataque e antes de anunciar o êxito da operação aos americanos, Obama telefonou a sua espo-

DIVULGAÇÃO

Chinês ameaçou mulher de dissidente

O dissidente Chen Guangcheng disse que abandonou a Embaixada dos Estados Unidos em Pequim após seis dias porque o governo chinês teria ameaçado matar sua mulher, segundo informações da rede de TV americana CNN. O ativista Bob Fu, que dirige a organização China Aid e diz ter ajudado Chen a escapar da prisão domiciliar na semana passada, também afirmou que as autoridades chinesas fizeram “sérias ameaças contra membros da família do dissidente” caso ele se negassse a aceitar a oferta e que os funcionários americanos.

França

FOTOS DIVULGAÇÃO

Obama explicou que tomou a decisão de atacar Bin Laden sozinho. Poucos sabiam da missão

sa, segundo a NBC. “Disse a ela que certamente não iria jantar porque tinha duas ou três coisas para fazer naquela noite”, contou o presidente. Inimigo número 1 Obama tenta capitalizar novamente a seu favor a repercussão que teve junto à opinião pública a notícia da morte do inimigo público número um dos Estados Unidos no ano passado. No discurso que fez na véspera, durante sua visita surpresa ao Afeganistão, Obama declarou que o objetivo de derrotar a Al Qaeda e impedir que ela volte está agora ao alcance. Ele também fez um novo apelo aos insurgentes talibãs para que rompam com a rede terrorista, responsável pelos ataques contra os Estados Unidos em 2001, e pediu avanços nas negociações de reconciliação. “Em coordenação com o

governo afegão, minha administração manteve negociações diretas com o Taleban”, disse Obama em discurso feito na Base Aérea de Bagram. “Nós dissemos claramente que eles podem fazer parte do futuro se romperem com a Al Qaeda e aderirem às leis afegãs. Muitos membros indicaram interesse na reconciliação”. “O caminho para a paz está pronto para eles. Aqueles que se recusarem a percorrê-lo enfrentarão as forças de segurança afegãs auxiliadas pelos Estados Unidos e por nossos aliados.” Guerra Mas, além dos soldados, Obama tentou dirigir-se principalmente a seus compatriotas quase 11 anos depois da invasão dos Estados Unidos ao Afeganistão após o 11 de Setembro e da posterior derrubada do regime dos

talebans que deram apoio à Al Qaeda e a seu líder. “Reconheço que muitos americanos estão fartos da guerra. Como presidente, nada é mais pungente do que assinar uma carta a uma família (de soldado morto) e olhar nos olhos de uma criança que crescerá sem mãe ou sem pai”, disse. “Não deixarei os americanos em perigo nem um dia além do absolutamente necessário para nossa segurança nacional. Mas devemos colocar fim a esta guerra de forma responsável”, completou. Horas depois de sua visita, os talibãs atacaram uma residência para estrangeiros em Cabul e mataram sete pessoas, no dia que a morte de Osama Bin Laden completa um ano, e, além disso, anunciaram o início, a partir de quinta-feira, de uma “ofensiva de primavera” no Afeganistão contra as forças da Otan e todos os aliados que sustentam o governo afegão.

Reino Unido insiste que não negociará com Argentina sobre Ilha das Malvinas governo britânico reiO terou nesta quarta-feira que não negociará

sobre o futuro das Ilhas Malvinas depois que a embaixadora argentina em Londres, Alicia Castro, pediu que o ministro de Exteriores do Reino Unido, William Hague, desse uma oportunidade à paz e dialogasse. Um porta-voz do Foreign Office afirmou hoje à agência de notícias Efe que a postura do Reino Unido é bem conhecida e se mantém invariável. “Não haverá negociação com a Argentina sobre as Malvinas”. “A soberania da ilhas não é uma questão bilateral, já que depende do direito de autodeterminação de seus habitantes, que são os que têm a última palavra sobre seu futuro”, acrescentou o porta-voz. O governo britânico respondeu assim ao incidente no qual a embaixadora da Argentina pediu na segunda-feira ao ministro de Exteriores britânico, durante um ato público, que se sentasse para negociar. Hague apresentava nesse momento um relatório sobre Direitos Humanos e a

embaixadora argentina, que estava na plateia, interveio sem aviso prévio. O Foreign Office assegurou que é uma decisão da Argentina como e quando colocar suas inquietações ao ministro e não quis analisar o incomum contato diplomático. Hábito Segundo o jornal conservador britânico “Daily Telegraph”, alguém perguntou à embaixadora durante o incidente se seria um hábito a partir de agora aparecer nos atos públicos de Hague para perguntar

sobre as Malvinas e ela respondeu. “Espere e verá”. Alicia Castro assumiu a embaixada argentina da capital britânica, que estava sem representante desde 2008, no último mês de março, em um momento de especial tensão diplomática entre Londres e Buenos Aires. A disputa pela soberania das Malvinas se agravou pelo bloqueio aos navios malvinenses nos portos dos países do Mercosul, a viagem do príncipe William às ilhas em fevereiro e o desdobramento

de uma moderna fragata do exército britânico. O governo argentino acusou então os britânicos de “imperialismo” e de “militarizar” a região, enquanto Londres chegou a tachar de “colonialismo” a atitude de Buenos Aires. Ao anunciar a designação de Alicia Castro, Buenos Aires reiterou em comunicado sua “vocação de diálogo com o governo britânico em cumprimento das resoluções das Nações Unidas sobre a questão das Malvinas”, sob dominação britânica desde 1833.

Falsa ou verdadeira?

Uma carta dizendo que o governo de Muammar Gaddafi aceitava financiar a campanha eleitoral de Nicolas Sarkozy em 2007 é falsa, disse nesta quarta-feira o CNT (Conselho Nacional de Transição) da Líbia. O presidente do CNT, Mustafa Abdel Jalil, disse em entrevista coletiva que a carta é falsa. “Depois que os meios de comunicação informaram sobre esta carta, vimos esta carta, e verificamos que não encontramos nenhuma referência a esta carta nos arquivos da Líbia”, disse Jalil. Ele acrescentou que a saudação na carta era incomum no regime anterior.

Egito

Protestos seguidos de morte

Pelo menos 20 pessoas morreram nesta quarta-feira em protestos em frente ao Ministério da Defesa do Egito, em meio às eleições presidenciais do país. Os dois principais candidatos ao cargo mais alto do país suspenderam as campanhas para a votação de 23 e 24 de maio. De acordo com manifestantes, por volta de 1h30 local (20h30 de terça-feira em Brasília), grupos de “baltaguiyas” (agitadores) atacaram com armas de fogo, pedras e coquetéis molotov o acampamento de salafistas (muçulmanos radicais) e revolucionários em frente à sede do Ministério.

Bélgica DIVULGAÇÃO

Boicote

O governo belga anunciou boicote a Eurocopa, como resposta a situação da ex-premiê e líder de oposição na Ucrânia Yulia Tymoshenko (foto), conforme anunciou o ministro das Relações Exteriores do país, Didier Reynders. A mesma decisão já foi tomada pelos governos da Alemanha, Áustria, República Tcheca, assim como vários membros da União Europeia, entre eles o presidente José Manuel Durão Barroso. “Estou seriamente preocupado com a evolução do caso de Tymoshenko”, afirmou Reynders. Segundo o ministro, a Bélgica não participará “de maneira nenhuma” do torneio de futebol sediado conjuntamente por Ucrânia e Polônia.


JD

Informe Publicitรกrio

Macapรก-AP, quinta-feira, 03 de maio de 2012

A8


CadernoB

DiaDia

Macapá-AP, quinta-feira, 03 de maio de 2012

Editor: Fabrício Costa - fabriciocosta@jdia.com.br

Entre tumultos e protestos, professores se dividem e cobram nova assembleia geral Parte da categoria diz que a atual diretoria do Sinsepeap não está seguindo o estatuto da organização ANDERSON CALANDRINI

Da Redação

N

a manhã de ontem (02), a greve dos professores ganhou um novo patamar em termo de discussão. Uma parcela da classe esteve em uma rádio local afirmando que a atual diretoria do Sindicato dos Servidores em Educação Pública do Estado do Amapá (Sinsepeap) não está seguindo o estatuto da organização e se nega a fazer uma assembleia geral, para que a última proposta do Governo seja aceita. A explanação do assuntou levou ao desentendimento da classe. A categoria ficou dividida, enquanto que cerca de 635 pedem a assembléia, os demais sindicalizados afirmam que a mesma não deve acontecer. Para eles não houve nenhuma nova proposta por parte do Governo, que apenas manteve o acordo efetuado antes da instalação da greve. Segundo Sônia Ramos, representante da minoria que pede a assembleia, a

situação é simples: se há o coro mínino para pedir uma reunião, o Sindicato deve anunciar a reunião, já que o mesmo representa a todos os sindicalizados. Porém Aroldo Rabelo, presidente do Sinsepeap, assegura que não há porque marcar uma assembleia, pois não houve nenhuma nova proposta a classe, apenas a manutenção de uma efetuada antes da instalação do movimento de greve. “Nós do Sindicato não recusamos a proposta de 15% reafirmada pelo governo, porém esse é apenas uma das pautas, pois nós queremos também que as promessas do ano passado sejam cumpridas”, explicou Aroldo. Segundo o sindicalista, a categoria espera com as promessas de progressão e promoção firmadas em 2011 sejam cumpridas, e caso sejam atendidas, uma assembleia será marcada para que o futuro da greve seja discutido. “Mas enquanto o acordo de 2011 não for cumprido o movimento continua”, concluiu

HEVERTON MENDES

Aroldo. Assembleia Legislativa Após o embate travado entre a categoria, os professores se dirigiram para frente da Assembleia Legislativa, bloqueando a Avenida FAB. “Foi firmado um acordo entre GEA, AL e Sinsepeap no ano passado e tudo o que queremos é que o mesmo seja cumprindo, e também para cobrar fiscalização ao Governo, pois temos documentos que confirmam que o orçamento educacional foi aumentado, porém esse aumento não tem refletido nas negociações, fato que está mantendo a paralisação”, explicou Aroldo. Ele afirma ainda que a proposta ideal seria o retorno das promoções, os 15% de aumento e mais 5% em outubro. Apesar do GEA ter oferecido à categoria um aumento de 15,56% no total, considerado o maior reajuste já oferecido à classe nos últimos 16 anos, o Sinsepeap insistiu em aumentar o valor da propos-

Na manhã de ontem, a greve dos professores ganhou um novo patamar em termo de discussão em frente à AL

ta e que impactaria o orçamento da Educação apresentados pela equipe de governo, o que só au-

mentaria a indisponibilidade financeira do GEA em dispor de um reajuste maior dos 15,56% já con-

cedidos aos professores. A greve continua, e o Estado não vai oferecer outro acordo.

Educadores recorrem à Assembleia Legislativa para o fim da greve da educação no Estado

A

s manifestações dos trabalhadores da educação ganharam ontem (2) a importante adesão da Assembleia Legislativa como mediadora do conflito envolvendo a categoria dos educadores e o Governo do Estado. Depois de marcharem pela Avenida FAB os grevistas ganharam guarida ao serem convidados pelo presidente Moisés Souza para participarem da sessão e debaterem as bases de uma proposta para acabar a greve com a definição do reajuste salarial que deveria ter sido anunciado na data-base do

funcionalismo, que foi o dia 1º de abril. Um acordo entre os parlamentares, como a deputada Roseli Matos (DEM), que cedeu o tempo que ocuparia a tribuna no chamado Grande Expediente da sessão desta quarta-feira. Em seu lugar, subiu ao parlatório o presidente do Sindicato dos Trabalhadores em Educação no Estado do Amapá (Sinsepeap), o professor Haroldo Rabelo. Também tiveram acesso ao Plenário os membros da Comissão de Negociação, Cristiane Barbosa, Marcos Belo, Jorge Garcia, Otávio Brito,

Entre um gole e outro TULIO PANTOJA

Sociólogo tuliopantoja@hotmail.com Jogando duro Depois de ir a imprensa e anunciar que não voltaria atrás na proposta feita a classe dos professores do Estado, o Governador Camilo Capiberibe (PSB) demonstrou aborrecimento, e ainda anunciou um aumento de cerca de 20 % para a Policia Civil, que seria uma equiparação salarial e mais um aumento para a policia militar também acima do aumento linear de 8% para o funcionalismo público. Herança O governo do PSB no estado sempre teve como marca o embate com os poderes e ainda uma discussão sem fim com a classe dos educadores no Estado, o próprio senador João Capiberibe

quando governou o estado foi acusado de rasgar o estatuto do magistério além de promover uma verdadeira caça as bruxas nas escolas. Manobra Com o governo fechado para negociação a greve rola solta, com uma carta na manga, que seria o piso estipulado pelo Ministério da Educação e cultural, MEC, o sindicato promete não afrouxar o movimento, o governo tentar jogar a sociedade contra a categoria, além de enfraquecer com algumas escolas em funcionamento com professores mantidos por contratos administrativos e horistas. Ato político Camilo ainda acusou a

Eneida Silva e Sandro Dutra. Dificuldades O representante da categoria enumerou um verdadeiro rosário de dificuldades dos educadores a partir do fim da greve do ano passado, quando uma série de compromissos foram assumidos pelo Governo do Estado, mas que não foram cumpridos. Entre eles, a redução da tabela de progressões do plano de carreira, pagamento das progressões e até uma tentativa de acabar com a data-base. “Em nome da maior categoria de trabalha-

classe de esta realizando uma manifestação política, afirmando que mandaria o texto para a Assembleia Legislativa do Estado, afim de comunicar o aumento linear de 8% para o funcionalismo e que se o sindicato resolvesse aceitar a negociação seria os 15% oferecidos e ponto final. AL ferveu Com a faca nos dentes os manifestantes tomaram a Assembleia legislativa e promoveram um grande debate, os deputados em sua grande maioria, estes eleitos para representarem o povo, deram total apoio ao movimento se predispusando a rejeitar qualquer ato despótico ou tirano. A coisa ferveu por lá. Arquivada O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Ricardo Lewandowski negou seguimento (arquivou) à Ação Direta de Inconstitucionalidade, que questionava a validade da Lei do Amapá, que fixa o orça-

dores estaduais viemos pedir à Assembleia, entre tantos outros milhares de pedidos, que seja olhado, analisado e avaliado o projeto do Executivo para o reajuste dos servidores da educação”, disse Haroldo Rabelo. O sindicalista explicou como foram as várias tentativas de negociação do Sindicato com o Governo do Estado, para a definição do reajuste da educação, de modo a se alcançar o piso salarial definido pela União. Disse que abriram mão do piso nacional (33,7%), mas a propos-

ta de chegar a 20% até outubro, ou seja, 15% agora e outros 5% só no fim do ano, não está sendo aceita de maneira intransigente, sob a alegação da falta de recursos. “Até as promoções foram substituídas pelas progressões, como quer o governo, mas parcelados em 18 meses o que fará com que alguns trabalhadores recebam até R$ 3,95 de parcela, uma afronta à nossa categoria”, disse Rabelo.

mento público do estado para este ano. No entendimento do ministro, que é relator da ação ajuizada pelo PSB (Partido Socialista Brasileiro), a ADI não é via processual adequada para esse tipo de controvérsia, pois a análise do pedido ultrapassa questões constitucionais, implicando no confronto do tema com outras leis.

do, por meio de emendas parlamentares, comprometendo a viabilidade da Administração Pública

Falta de recurso O deputado Edinho Duarte (PP) lembrou que o argumento da fal-

A ação Na ação, o partido questionava a legalidade da lei orçamentária amapaense, aprovada pela Assembleia Legislativa, alegando que o órgão aumentou, em mais de R$ 430 mil a estimativa de receita do Estado, por meio de emendas parlamentares, comprometendo a viabilidade da Administração Pública.

Sem argumentos A apuração de possíveis desacertos na obtenção, pelo poder Legislativo amapaense, do valor da receita que veio a ser estimada na Lei Orçamentária Anual ora contestada, exigiria o prévio confronto, inclusive com a eventual produção de prova pericial, das emendas parlamentares incorporadas ao projeto de lei com as orientações traçadas no Plano Plurianual, na Lei de Diretrizes Orçamentárias e na Lei de Responsabilidade Fiscal, esse foi o entendimento do ministro Lewandowski, ao negar seguimento ao pedido.

A ação Na ação, o partido questionava a legalidade da lei orçamentária amapaense, aprovada pela Assembleia Legislativa, alegando que o órgão aumentou, em mais de R$ 430 mil a estimativa de receita do Esta-

Texto cheio de controvérsias No Congresso, foram treze anos de debates. E a repercussão permanece tão forte entre parlamentares, governo e especialistas que, ao que tudo indica, o debate ainda será

ta de recurso é descabido. Disse que na votação do Orçamento Anual para 2012, no fim do ano, a Assembleia Legislativa aprovou só em Emendas parlamentares só para a Educação, R$ 156 milhões a mais do que a proposta orçamentária enviada pelo Governo do Estado. “E o governador ainda foi ao Supremo Tribunal Federal junto com o PSB Nacional com uma Ação Direta de Inconstitucionalidade que foi derrubada pelo ministro Ricardo Lewandowski, então vale a máxima de que dinheiro tem, falta gestão”, concluiu o parlamentar.

longo. A aprovação do novo Código Florestal pelo Plenário da Câmara na semana passada encerrou a discussão no Congresso. Mas, imediatamente após a votação, deputados e representantes de entidades ambientalistas já iniciaram uma campanha nacional pelo veto da presidente Dilma Rousseff à nova lei. Aqui no Amapá agora que muita gente atentou para a importância da Código. Vaga de desembargador Com a aposentadoria do Desembargador Edinardo Souza uma vaga no assento da Corte de Justiça se abre, esta vaga será ocupada por um jurista advindo da Ordem dos Advogados do Brasil, OAB-AP, que em uma lista com três nomes será levada para o gestor do poder executivo que fará a escolha. Muitos nomes de Advogados conceituados no estado começam a pleitear a vaga. A disputa promete! Por hoje é o que há. Até sábado!


JD

Polícia

Macapá-AP, quinta-feira, 03 de maio de 2012

B2

Editor: Fabrício Costa - fabriciocosta@jdia.com.br

Após denúncia, funcionário dos Correios é preso acusado de desviar mercadorias Raimundo Rocha estava desviando mercadorias há pelo menos 1 ano. Ele trabalhava nos Correios há 21 anos ALYNE KAISER Da Redação

O

funcionário público federal Raimundo da Silva Rocha, de 50 anos, foi preso acusado de cometer crime de peculato. Segundo informações do delegado Luis Carlos, ele, que era gerente da Agência dos Correios da zona sul, estaria desviando mercadorias que chegavam via Sedex. O delegado informou que a cerca de um mês uma denúncia chegou à sede da Delegacia Especializada em Crimes Contra o Patrimônio (Deeccp). “Iniciamos as investigações e pedimos um mandado de busca e apreensão à justiça, que acatou”, disse Luis. O delegado conseguiu apreender com Raimundo vários telefones celulares, tablets, notebooks, projetores de vídeo, máquinas

fotográficas, HDs externos, vários produtos eletrônicos, além de R$ 1052 reais em dinheiro e 20 euros. Raimundo trabalhava há 21 anos como servidor dos Correios. Só na sala do delegado havia produtos que estavam avaliados em pelo menos R$ 20 mil reais. Segundo o delegado, havia algumas mercadorias que chegavam para entrega e que vinham sem destinatários. “Quando os clientes iam reclamar, se o produto estivesse lá, o atendente entregava, mas quando ninguém questionava pelo produto, este era desviado pelo servidor”, disse o delegado. Luis Carlos informou que Raimundo confessou o crime e disse em seu depoimento que aproveitava a hora da saída de todos os funcionários para desviar os produtos. “Ele andava com esses produtos na

mala do próprio carro e repassava para uma segunda pessoa, que já está sendo investigada. Não vamos dar o nome dessa pessoa para que não atrapalhe as investigações”, disse o delegado. Raimundo foi indiciado por crime de peculato. Pagou fiança de R$ 1000 reais para responder pelo crime em liberdade. Ele vai responder a um processo administrativo nos Correios. O Peculato trata-se de um crime previsto no Código Penal Brasileiro próprio de funcionário público contra a Administração Pública em geral. A pena prevista para este crime, nas três primeiras modalidades, é de reclusão, de 2 (dois) a 12 (doze) anos, e multa; e de detenção, de 3 (três) meses a 1 (um) ano, no peculato culposo, sendo esta uma hipótese mais remota do crime.

HEVERTON MENDES

Segundo informações do delegado Luis Carlos, Raimundo era gerente da Agência dos Correios da zona sul

Agentes penitenciários conseguem evitar nova fuga do Iapen

D

ois detentos que estavam alojados no pavilhão triagem B do Instituto de Administração Penitenciária do Amapá (Iapen) tentaram fugir por volçta das 1h30 da madrugada de ontem. Hélio de Oliveira Leal e Joel dos Santos da Cruz, quebraram a parede da cela e já estavam próximos a muralha do presídio quando foram avistados por agentes penitenciários. Após a tentativa de fuga, os agentes encontraram vários pedaços de ferro e um estoque, arma caseira utilizada em diversos cri-

mes dentro da cadeia. Além da tentativa, os detentos invadiram o pavilhão da enfermaria e quebraram as portas, cadeados e grades. A dupla foi encaminhada ao Centro Integrado de Operações em Segurança Pública do Pacoval para serem autuados em flagrante e depois retornaram aquela casa prisional. Na tarde de sábado (28) agentes Penitenciários evitaram mais uma fuga em massa ao descobrirem um túnel com mais de 10 metros no Pavilhão Provisório P3. O Pavilhão fica localiza-

do entre as guaritas (G7 e G9), no lado sul do Iapen. O buraco partia da cela (02 A) Pavilhão P3, onde estão presos mais de 220 homens. Naquele momento, havia apenas 31 apenados. De acordo com informações de uma fonte, os presos teriam começado a cavar o túnel na manhã de sábado, pois era dia de visita. Nos sábados os presos ficam soltos das 8h da manhã até as 17h da tarde. A escavação do túnel era feita por revezamento dos próprios presos. Eles colocavam a terra no forro, onde já tinha sido quebra-

da a laje. De acordo com o presidente do Sinapen, Alexandro Soares, neste horário os agentes penitenciários não podem entrar nas celas por respeito ao direito dos apenados a sua visita intima. “Eles só entram em casos excepcionais ou de “alteração” no ambiente carcerário”, disse ele. “Por esse motivo, o buraco estava muito grande aproximadamente uns 10 metros e comprimento já próximo a muralha do cadeião, mas caso os detentos passassem a noite cavando poderiam chegar até a parte externa do pre-

sídio rapidamente e concretizariam o plano, finalizou. Iapen O Instituto de administração Penitenciário do Amapá - IAPEN, também conhecido como Cadeião, é um dos maiores da região cidade de Macapá. Atualmente o IAPEN tem proximamente 2.132 presos e em capacidade para 900 apenados. Só neste ano os agentes penitenciários já descobriram outros 3 túnel, o ultimo nos mês de março no pavilhão P2. Após a descoberta do

túnel foi realizada uma revista geral no pavilhão com apoio da guarda externa do Iapen que é de responsabilidade da PM-AP e na ocasião foi encontrado um vasto material de uso proibido naquele local. Os detentos negam que sejam os proprietários, como também não dizem a quem pertencem. Todos os materiais apreendidos serão entregues a coordenadoria de Segurança/IAPEN e encaminhado a Corregedoria/ IAPEN para providências cabíveis e informado à Justiça. (Alyne Kaiser)

Fronteira do Amapá na mira da Operação Ágata contra tráfico

O

Ministério da Defesa iniciou ontem uma operação conjunta das Forças Armadas no Norte do país para combater o tráfico de drogas e pessoas, o desmatamento irregular da Amazônia, além de garimpos ilegais. Cerca de 8,5 mil militares vão patrulhar uma área de 5 mil quilômetros na fronteira com Venezuela, Suriname, Guiana Francesa e Guiana. Essa será a quarta edição da Operação Ágata, que integra o Plano Estratégico de Fronteiras, lançado em junho do ano passado pela presidenta Dilma Rousseff. De acordo com o Ministério da Defe-

sa, será a maior operação conjunta das Forças Armadas. Nas próximas semanas, tropas da Marinha, do Exército e da Aeronáutica, com a participação da Polícia Federal e da Força Nacional de Segurança Pública, vão atuar nos estados do Amazonas, Pará, Amapá e Roraima. Além da presença militar nas fronteiras, a Operação Ágata 4 tem ações sociais previstas para ajudar a população ribeirinha que enfrenta problemas com as cheias do rio Negro e seus afluentes. As enchentes desalojaram moradores na região metropolitana de Manaus

Ronda Policial JOÃO BOLERO

Da 99,1 FM BLOG DO BOLERO Mês de abril com 46 mortes violentas Em nossos arquivos foram registradas 446 mortes violentas durante o mês de abril. Em 1º Lugar: foram os crimes praticados por Arma branca, com 10 assassinatos, sendo 5 em Macapá, e 1 nas Localidades de Santana, Porto Grande, Laranjal do Jari, Vitória do Jari e Oiapoque. Foram 9 do sexo masculino e 1 do sexo feminino. Em 2º lugar: Arma de fogo e afogamento com 9 óbitos cada um. Sendo que dos 9 homicídios por Arma de fogo, 8 foram em Macapá e 1 no Pinhal da BR-156. Todos do sexo masculino. Das 9 mortes por Afogamento 2 foram em Macapá e 1 nas seguintes localidades: Santana, Laranjal do Jari, Calçoene, Bailique, Rodovia Duca Serra, Rio Pedreira

e mais 24 cidades do Amazonas. No último dia 1º, o hospital de campanha da Força Aérea Brasileira (FAB) foi levado para o município de Barcelos, a 490 quilômetros de Manaus. Montado numa balsa, o hospital tem capacidade de atender entre 350 e 400 pacientes por dia. Até 9 de maio, uma equipe de 38 profissionais do serviço médico atenderá moradores. Desta vez, a Ágata será executada a partir do Comando Militar da Amazônia (CMA). No desenrolar da operação, oficiais da França, da Venezuela e dos demais países da região de fronteira atuarão

Ponte sobre o Rio Oiapoque na divisa do Norte do Amapá com a Guiana Francesa: combate ao tráfico

como observadores das missões. Segundo o Ministério da Defesa, o vice-pre-

(Lontra) e Ajuruxi (Mazagão). Foram 7 do sexo masculino e 2 do sexo feminino. Em 4º lugar o Trânsito: com 7 óbitos, sendo 2 em Macapá, 2 em Santana e 2 na BR-156 e 1 na BR-210. Onde 2 estavam de moto, 2 de bicicleta, 2 de carro e 1 pedestre, 6 do sexo masculino e 1 do sexo feminino. Em 5º lugar os homicídios praticados por Pauladas: com 3 casos, sendo 2 em Macapá e 1em Laranjal do Jari, os 3 do sexo masculino. Ainda foram registrados: 2 óbitos por Suicídio: sendo 1 em Macapá e 1 em Santana, ambos do sexo masculino. 2 óbitos por Acidente aéreo: ambos em Macapá, 1 do sexo masculino e 1 do sexo feminino. 2 óbitos por Asfixia: sendo 1 em Macapá e 1 no Pacui, ambos do sexo masculino. 1 por Choque elétrico: em Macapá do sexo masculino. 1 óbito por Traumatismo diverso: em Macapá, do sexo masculino. Totalizando 46 Mortes Violentas no mês de abril. Parque do Forte continua sendo palco de assaltos Desta vez foi em plena tarde de domingo, por volta das 05h00min, que marido e esposa passeavam no Parque do Forte, ao lado da Fortaleza de São José de Macapá, e

sidente da República, Michel Temer, e o ministro da Defesa, Celso Amorim, de-

vem visitar pontos da Operação Ágata nos próximos dias. (Agência Brasil)

vinham empurrando uma bicicleta, quando foram surpreendidos por dois maus elementos armados com facas, que renderam o casal e tomaram a bicicleta que pertencia a esposa, no caso a Luciane Leite. Após o assalto, o marido da Luciane começou a perseguir os mesmos, gritando “pega ladrão”, o que fez com eles abandonassem a “magrela” no chão e fugirem rumo ao bairro Santa Inês. Uma Guarnição foi acionada, mas não conseguiu prender os acusados. Ancião que esfqueou a ex-companheira teve alta do H.E O Raimundo Souza de Lima (84) que no final da manhã da última sexta-feira (27) aplicou uma facada na ex-companheira dele, Carla Patrícia Matos (28) e, logo após tentou se matar, só não concretizando em face da atuação de uma Guarnição do BOPE, que conseguiu remover a ideia do acusado, porém , em seguida ele começou a passar mal, pois é hipertenso, e teve que ser internado no H.E. Em face disso, o Delegado Valcely Almeida, que presidiu o flagrante na DCCM, após ouvir a vítima e testemunhas, solicitou ao Juiz que o Raimundo, que ao invés de ir para o IAPEN, tivesse prisão a domiciliar, o que determinado pelo Juiz.


JD

DiaDia

Macapá-AP, quinta-feira, 03 de maio de 2012

B3

Editor: Fabrício Costa - fabriciocosta@jdia.com.br

Sem propostas do poder público, agentes penitenciários cruzam os braços hoje Desta vez, categoria cruza os braços como protesto, deixando de fazer escolta de presos e revistas nos pavilhões

O

Sindicato dos Agentes Penitenciários do Amapá fará paralisação de 04 dias que começa nesta quinta-feira (3). De acordo com a categoria, eles têm esperado por um posicionamento do Governo do Estado sobre a pauta de reivindicações da categoria, mas supostamente não teriam recebido resposta. Desta vez, os agentes irão cruzar os braços, como forma de protesto, deixando de fazer escolta de presos, por exemplo, bem como revistas em alimentos e familiares que vão para as unidades visitar os detentos. Por outro lado, os serviços essenciais e para manutenção das atividades na penitenciária e seus anexos serão mantidos. A medida foi decidida em assembleia realizada ainda na semana passada. O presidente do SINAPEN-AP, Alexandro Soares, explica que antes mesmo de deliberamos da paralisação realizada para essa semana, os agentes penitenciários cogitavam cruzar os braços há muito tempo, devi-

do o caos no sistema penitenciário Amapaense. Os motivos são inúmeros entre eles estão o descaso do Governo do Estado do Amapá em não receber até a presente data os representantes do grupo penitenciário, afim de discutir as questões de condições de trabalho dos servidores e o reajuste salarial. O Sistema Penitenciário está funcionando sem autonomia financeira com uma gestão completamente sobrecarregada, sem poder fiscalizar as obras, obras que estão sendo proteladas a mais de 05 anos sem inauguração e sem pagamento das empresas construtoras para entregar em prazo estipulado pelo DEPEN/ MJ, pois está nas contas da SEJUSP/GEA mais de 18 Milhões de reais do Governo Federal para ampliação, construção e modernização do sistema penal Amapaense. Problemas simples de serem resolvidos como a falta de água de qualidade para os detentos; deficiências nas dependências físicas das unidades; falta de materiais de proteção

(colete balístico, armamento letal e menos letal); Rádios Comunicadores (HTs); viaturas novas que não saem da oficina mecânica; computadores para o trabalho de expediente; alojamentos digno para os servidores, banheiros e locais de serviço dos servidores em péssimas condições de uso; falta de luz nos pavilhões e nas dependências do IAPEN; Guaritas e estrutura física que põem em risco a vida dos servidores penitenciários; fossas a céu aberto; pavilhões super-lotados (celas com 40 presos). São problemas que perduram sem solução. O descaso com a falta de investimento e a humanização ao tratamento dos familiares dos internos é preocupante, pois a compra de um Raio-X Pessoal resolveria as enormes filas nos dias de visitas e também ajudaria na fiscalização da segurança do IAPEN. A humanização da Unidade de Vigilância e Disciplina – UVD, onde familiares de internos são recepcionados pelos servidores penitenciários sem mínimas condições

Evento contra homofobia acontece este mês no AP

O

movimento LGBT com apoio do departamento LGBT da Prefeitura de Macapá, estarão realizando no próximo, dia 25, I Marcha contra Homofobia, em Macapá. O movimento terá a participação de diversas entidades ligadas a Federação Amapaense de LGBT de todo o Estado. No Amapá essa é a primeira vez que o movimento se organiza para realizar a Marcha contra Homofobia. Segundo diretor do departamento LGBT da Prefeitura de Macapá Artur Lopes, a Marcha terá o apoio do município e os movimentos de todos demais municípios de Estado. “Nós já estamos trabalhando para conseguirmos realizar essa caminhada contra a homofobia, pois

nos demais estados e capitas já esta na terceira edição. O apoio da Prefeitura de Macapá é importantíssimo para podermos desenvolver estes serviços voltados ao público LGBT”, disse. Para organizar o evento várias reuniões serão realizadas para definir os detalhes da Marcha, mas até o próximo, dia 11, tudo deverá estar definido em relação a I Marcha contra Homofobia, que também já terá uma pauta de reivindicações voltadas ao publico LGBT. No mês de maio existem muitas ações volta ao publico LGBT, pois, o dia 17, é comemorado como o Dia Internacional Contra Homofobia (ódio, agressão, violência, discriminação e até morte de pessoas

LGBT). A data marca uma vitória histórica do Movimento LGBT internacional. Foi quando a Organização Mundial de Saúde retirou a homossexualidade do Código Internacional de Doenças. O Decreto Presidencial de 04 de junho de 2010 incluiu o Dia Nacional de Combate à Homofobia no calendário oficial federal. Em âmbito nacional o tema para 2012 é: Por um Brasil sem homofobia e no, dia 16, acontece a III Marcha Nacional contra Homofobia, em Brasília, com manifestações em frente ao Palácio do Planalto. A idéia da Associação é reunir mais de 250 organizações afiliadas da Associação Brasileira Gays, Lésbicas, Travestis e Transexuais (ABGLT).

HEVERTON MENDES

Alexandro Soares, presidente do Sinapen/AP: sem conversa com o governo, agentes cruzam os braços

de uso (paredes divididas em compensados, revistas coletivas onde 05 a 10 pessoas ficam despidas pra serem revistadas, espaço pequeno para atender uma clientela de mais de 600 visitas por dia de visita). Um estudo da Organização Internacional do Trabalho apontou a profissão de agente penitenciário com a segunda mais perigosa do mundo e a mais estressante. É uma profissão de tensão total.

O agente penitenciário é o mais vulnerável no caso de uma rebelião e motim. E, diga-se de passagem, uma moeda de troca muito fraca. “Muitas vezes o preso sabe onde o agente mora. Se sair, ele vai lá e pode ate nos matar”, pois já houve casos que agentes penitenciários sofreram e sofrem constantes ameaça de morte dentro e fora do IAPEN, de lesão corporal, servidores já tiveram suas casas invadidas a mando de detentos

e outros perseguidos em via publica onde tentaram contra suas vidas e ate tentativa de morte, como o caso (em março) do agente penitenciário que ao chegar em frente da sua casa levo 04 tiros efetuado por bandidos. As ameaças dentro do presídio são constantes. “Eu sei onde você mora”, “no dia que eu sair, vou te pegar”, “você tem família?” Essa é uma das frases que os agentes penitenciários já se acostumaram a ouvir.

Lojistas recebem orientações do Procon para o Dia das Mães

O

Instituto de Defesa do Consumidor do Amapá (Procon/AP) realizou nesta quarta-feira, 2, orientação nas principais lojas de Macapá. O objetivo foi verificar se os comerciantes estão respeitando o direito do consumidor, haja vista que no dia 13 deste mês, é celebrado o Dia das Mães. Uma das principais observações dos fiscais é conferir se as lojas estão cumprindo a Lei 12.291 da precificação (que estabelece que o preço do produto deve estar visível na vitrine da loja). Um dos fiscais do Procon, Kleber Duarte, lembra que lojas de floricultura e cestas de café da manhã são os principais foco. “É uma ação educativa para fazer com que o consumidor não se sinta lesado.

Estamos orientando o proprietário a deixar o Código de Defesa do Consumidor visível a todos que entrarem na loja”, explica o fiscal. A responsável por uma loja de cestas de café da manhã em Macapá, Ananda Cristina, disse que a ação é satisfatória tanto para quem compra quanto para quem vende. “Dessa forma, podemos mostrar organização, credibilidade e conquistarmos o cliente, fazendo com que eles voltem sempre”, declarou. Na hora da compra, o consumidor deve estar atento aos produtos em exposição. Todos os itens devem apresentar seus preços de forma clara e ostensiva. Se existe a opção de parcelamento, a mercadoria deve conter

os dois preços: o total à vista e as parcelas. O lojista deve informar também quais são os juros praticados, número e periodicidade das prestações, no caso de pagamento a prazo. O Código de Defesa do Consumidor garante o mesmo preço de uma mercadoria para qualquer opção de pagamento, seja em dinheiro, cheque ou cartão de crédito. O comerciante não pode estabelecer valor mínimo para a utilização de cartão de crédito ou débito. A aceitação de cheques e cartões é uma liberalidade dos estabelecimentos. Porém, a partir do momento que eles são aceitos, o lojista não pode fazer restrições de, por exemplo, não aceitar cheques de contas recentes.

Mototaxistas clandestinos poderão regularizar sua situação

A

Companhia de Trânsito e Transporte de Macapá (CTMac) está oferecendo mais de mil vagas para mototaxista auxiliar. Pessoas que ainda trabalham de forma clandestina, tem mais essa chance de se regularizar no serviço. “O mototaxista auxiliar é uma espécie de mototaxista substituto. Esse trabalhador vai se inscrever, passar por treinamento, pagar as taxas necessárias e se credenciar para o serviço. O mototaxista auxiliar se associa a um mototaxista legalizado que já tem uma placa e poderá trabalhar normalmente, substituindo o titular nas folgas ou mesmo de forma integral. Hoje a CTMac tem mil vagas disponíveis. Os interessados devem se dirigir até a sede da companhia para obter mais informações” explica Jair. A abertura de vagas para mototaxista auxiliar vem acompanhada de

mais rigor na fiscalização ao serviço. Só hoje (02), foram retiradas de circulação um total de 67 motocicletas que faziam o transporte clandestino de passageiros. A abertura de vagas para auxiliares é a maneira que a CTMac encontrou para estimular a legalização de quem ainda atua de forma clandestina na cidade. “Não há motivo para essas pessoas se manterem na clandestinidade. Primeiro A CTMac disponibilizou 1.500 placas novas, através de licitação, mas apenas 800 foram preenchidas. Agora estamos ofertando de mil vagas para auxiliares. Então só não se legaliza quem não quer. E quem insistir em rodar de forma clandestina, vai ser surpreendido a qualquer hora nas nossas blitzes e ter o veículo recolhido, além de estar sujeito a prisão por exercício ilegal da profissão” alerta Jair.

HEVERTON MENDES

A abertura de vagas para mototaxista auxiliar vem acompanhada de mais rigor na fiscalização ao serviço


DiaDia

JD

Macapá-AP, quinta-feira, 03 de maio de 2012

B4

Editor: Fabrício Costa - fabriciocosta@jdia.com.br

Justiça suspende concurso público para o cargo de professor indígena no Amapá Dentre as irregularidades encontradas, está a ausência de participação dos índios na discussão sobre o certame

A

Justiça Federal suspendeu concurso público (edital nº 7/2012) da Secretaria de Estado de Educação, para o cargo de professor indígena. Novo edital deve ser elaborado com a participação das lideranças dos índios, do Ministério Público Federal no Amapá (MPF/ AP), do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional e da Fundação Nacional do Índio (Funai). A sentença atende pedido de liminar do MPF/AP. Para a instituição, o edital não está de acordo com premissas da educação indígena delineadas na Constituição Federal e na Convenção 169 da Organização Internacional do Trabalho. Dentre as irregularidades encontradas, está a ausência de participação dos índios na discussão sobre concurso para professor indígena. Outra questão apontada pelo MPF/AP foi a exigência de conteúdos incompatíveis com a realidade indígena local. O MPF/AP identificou também possibilidade de

dúbia interpretação no edital. O item 3.a pode levar à compreensão de que um índio do Oiapoque, falando a língua palikur, poderá se candidatar a professor da área indígena de Pedra Branca do Amapari, onde se fala língua wajãpi. A interpretação é contrária à resolução do Conselho Nacional de Educação. O documento impõe que a atividade docente na escola indígena deve ser exercida por professores indígenas oriundos da respectiva etnia. A permissão para candidatos com formação em letras ou história concorrerem para professor indígena foi outra inconsistência encontrada no edital. Para o MPF/AP, a formação exigida para o provimento do cargo deveria ser somente licenciatura plena intercultural indígena com habilitação em conhecimento de códigos, linguagens e de ciências humanas. O Estado do Amapá ainda pode recorrer da sentença.

DIVULGAÇÃO

A Justiça Federal suspendeu concurso público (edital nº 7/2012) da Secretaria de Estado de Educação, para o cargo de professor indígena

Administração convoca aprovados no concurso da SIMS

A

Secretaria de Estado da Administração (Sead), convoca os candidatos aprovados na primeira fase do Concurso Público Edital n° 001/SIMS, de 13 de julho de 2010, aos cargos efetivos do Grupo Administrativo, Subgrupos Nível Médio e Superior em conformidade com o Edital, para comparecer na Divisão de Desenvolvimento de Pessoal (DDP) da secretaria, para realização dos exames pré-admissionais, documental e médico. Os aprovados deverão se apresentar em datas espe-

cíficas: no período de 14 a 18 de maio de 2012 - exame documental; e de 21 a 23 de maio de 2012 - exame médico, ambos no horário de 8h às 12h. No ato da apresentação documental, o candidato receberá encaminhamento da DDP/ DRH/Sead para ser submetido à perícia médica. O candidato deverá comparecer munido dos seguintes documentos originais. Para os cargos de nível superior: diploma devidamente registrado, equivalente a graduação na área de formação a que concor-

re, reconhecido pelo Ministério da Educação (MEC) e registrado no Conselho de Classe. Para os cargos de nível médio: certificado devidamente registrado equivalente à conclusão de ensino médio, reconhecido pelo Ministério da Educação, devidamente autenticado pelo órgão competente. Exigências Para os cargos de Técnico em Nutrição, Dietética e Digitador, além do certificado de conclusão do ensino médio, certificado dos cur-

Inscrições para o Projovem Urbano foram prorrogadas

F

oram prorrogadas até o dia 15 de junho, as inscrições para o Projovem Urbano. Podem participar jovens de 18 a 29 anos, que saibam ler e escrever e não tenham concluído o ensino fundamental. As matrículas podem ser feitas nas escolas em que funcionam os núcleos do programa. O Projovem Urbano tem o objetivo de elevar a escolaridade, visando à conclusão do ensino fundamental, à qualificação profissional inicial e ao desenvolvimento de ações comunitárias com exercício da cidadania. Serão ofertadas aulas de informática e um auxílio financeiro no valor de R$ 100,00 mensal, desde que atenda aos seguintes crité-

rios: 75% de frequência e entrega dos trabalhos. Para 2012, serão atendidos 800 alunos, distribuídos em 25 turmas, formando 5 núcleos, 3 em Macapá e 2 em Santana. No ato da matrícula, o candidato deve apresentar os seguintes documentos: Certidão de Nascimento; CPF; Carteira de Identidade; comprovante de residência; histórico escolar ou ressalva, ou na ausência da comprovação de escolaridade será realizado um teste de proficiência. Os núcleos - Escola Estadual Afonso Arinos, localizada na avenida Amapá, nº 525, bairro Área Portuária, município

de Santana; - Escola Estadual Fonte Nova, localizada na avenida Dom Pedro I, s/n, bairro Fonte Nova, município de Santana; - Escola Estadual Maria Bernadete A. do Nascimento, localizada na avenida Stfany Hout, nº 101, bairro Jardim Marco Zero, município de Macapá; - Escola Estadual Brasil Novo, localizada na rua BR Floresta, nº 0015, bairro Brasil Novo, município de Macapá; - Escola Estadual Maria do Carmo Viana dos Anjos, localizada na avenida Francisco Alves Correia, nº 30, bairro Jardim Felicidade II, município de Macapá.

sos técnicos em Nutrição, Dietética e Informática, respectivamente. Para todos os cargos, indispensavelmente, os candidatos deverão apresentar ainda o original dos seguintes documentos: Registro Geral (RG); Título de Eleitor e comprovante da última eleição ou certidão de quitação eleitoral expedida pela Justiça Eleitoral; documento militar, se do sexo masculino; CPF e comprovante de inscrição e de situação cadastral no CPF; fotografia recente,

colorida 3x4, fundo azul; comprovante de residência atualizado; Certidão Negativa Civil e Criminal da Justiça Federal e Estadual do Amapá ou do Estado onde residir o candidato relativo aos últimos cinco anos; declaração firmada pelo candidato da existência ou não de vínculo funcional com a União, Estados e Municípios; PIS/Pasep; registro no conselho de classe conforme área de formação. O candidato possuidor de vínculo, com a Administração Pública (União,

Estados e Municípios), deverá apresentar declaração do empregador informando carga horária, exercida semanalmente, e horário de início e término do expediente de trabalho. A falta de comprovação dos requisitos de escolaridade para investidura até a data da posse acarretará a eliminação do candidato no concurso e anulação de todos os atos a ele referentes, ainda que já tenha sido homologado o concurso público, sem prejuízo da sanção legal cabível.

Ações de defesa agropecuária na Diagro é alvo de debates

O

diretor-presidente da Agência de Defesa Agropecuária do Amapá (Diagro), Marcos Aurélio Bezerra, se reuniu no último final de semana com todos os coordenadores e técnicos do setor para traçar metas e estratégias a fim de melhorar a defesa agropecuária em todo o Estado. Temas No encontro, que aconteceu no prédio da Diagro, foram abordados temas como percepção das gratificações, adicional de

interiorização, insalubridade, adicional noturno e a necessidade de estruturação física do órgão tanto na sede quanto nas Unidades Veterinárias do interior. Marcos Aurélio classificou o encontro como positivo, afirmando que estão sendo envidados todos os esforços para a estruturação da Diagro, enfocando os convênios que estão sendo celebrados com o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa). O diretor explicou que avanços

significativos estão acontecendo no órgão. Nesse sentido, Marcos Aurélio fez questão de exemplificar o compromisso do governador Camilo Capiberibe com as ações de Defesa Agropecuária, autorizando o aumento do número de fiscais agropecuários da Agência e que está sendo encaminhada proposta à Secretaria de Estado da Administração (Sead) para que seja analisada a questão das gratificações reclamadas pelos servidores.

População do Bailique participa de ação social A Prefeitura de Macapá, por meio da Secretaria Municipal de Saúde, estará participando mais uma vez do dia 05 ao dia 08 de maio da Ação Cívico Social (ACiSo) 2012 no Arquipélago do Bailique. O convite partiu da Delegacia da Capitania dos Portos em Santana da Marinha do Brasil. Na tarde de hoje (02), um grupo técnico da Semsa esteve reunido com oficiais da

Marinha para acertar os últimos detalhes da ação. Cerca de 30 profissionais da saúde estarão realizando serviços de atendimento em conjunto com a Marinha que beneficiará crianças, adultos, idosos e adolescentes das comunidades ribeirinhas do Bailique. A Semsa estará disponibilizando 01 Clínico Geral, 01 Ginecologista, 01 Pediatra, 04 Enfermeiros, 02 dentistas e 01 Biomédi-

co. Além do atendimento médico a ação realizará serviços de prevenção, orientação com palestras dos programas de atenção básica e da vigilância em saúde do município, coleta de PCCU, vacinação, realização de exames e teste rápido de HIV. A ACiSo vai contar com duas bases de atendimento, uma no Navio Auxiliar Pará que possui dois consultórios médi-

cos, um odontológico, uma enfermaria, um auditório para realização de palestras e uma farmácia, além de toda a estrutura de alojamento e refeitório para atender os profissionais da ação. E outra em terra na Escola Bosque, que também contará com consultórios médico e odontológico, locais para palestra e uma farmácia. A SEMSA e a Marinha estarão

disponibilizando medicação para ser entregue a comunidade mediante receita médica com acompanhamento de um grupo de farmacêuticos que dará a devida assistência quanto à manipulação medicamentosa. “Este convite foi muito bem vindo, estamos unindo esforços em prol de uma comunidade bastante distante de Macapá e que precisa muito

de ações na área de saúde como vai ser a ACiSO. O trabalho será de estreitamento dos laços com a comunidade e ainda realizaremos atividades de conscientização da população com relação ao compromisso com a saúde, mostrando que a prevenção é o melhor caminho para manter a qualidade de vida”, disse o Secretário de Saúde Otacílio Barbosa.


CadernoC

Esporte Macapá-AP, quinta-feira, 03 de maio de 2012

Editor: Franck Figueira- franckfigueira@jdia.com.br

Papão quer 40 mil entradas, mas PM garante 30 Valores dos ingressos para o jogo decisivo de hoje ainda estavam em promoção até ontem: R$ 10 arquibancadas e R$ 30 cadeiras

A

pós a grande procura e a comoção feita pela torcida bicolor a diretoria do Paysandu resolveu colocar mais 15 mil ingressos à venda para o jogo contra o Coritiba nesta quinta-feira, às 19h30 no estádio Mangueirão. Com os 22 mil ingressos vendidos ontem e mais cerca de 2700 gratuidades, a partida deve receber a carga máxima de 40 mil espectadores. O valores dos ingressos ainda estão em promoção até ontem: R$ 10 para arquibancadas e R$ 30 para as cadeiras. A partir de quinta-feira, os valores sobem para R$ 20 e R$ 40, respectivamente. PM garante 30 mil O comandante do Comando de Policiamento da Capital, coronel Hilton Benigno, afirmou que recebeu a notificação do Pay-

sandu informando uma nova estimativa de público apenas na manhã desta quarta-feira. Antes disso, em virtude dos acontecimentos, o comandante disse que já havia se reunido com os seus subordinados e definido que poderia garantir policiamento para apenas 30 mil pessoas no Mangueirão. “Não posso prejudicar o policiamento da cidade em decorrência de um erro do Paysandu. Se o Paysandu colocar mais 10 mil (pessoas) é por conta e risco do presidente do Paysandu, que vai reponder cível e penalmente por qualquer ação”, disse o coronel. Para o Coronel, o que resultou nessa situação foi o fato de o Paysandu ter enviado o ofício estimando o aumento no número de torcedores apenas nesta quarta-feira, menos de 48

horas antes do jogo. “Nosso posicionamento é que, diante do intepestivo pedido, a menos de 48 hora do jogo, garantimos apenas segurança para 30 mil. Mas não tenho responsabilidade sobre aprovar ou proibir venda de ingressos. Se o Paysande quiser vender mais, pode. Mas vai ter que se responsabilizar.” O coronel ainda afirmou que não havia nenhuma reunião marcada para esta manhã com a diretoria do Papão, já que toda a cúpula policial está reunida no Hangar para a cerimônia de entrega de novas viaturas pelo Governo do Estado. Felipe Fernandes, diretor do Papão, se resumiu a dizer apenas que os ingressos estão sendo vendidos e que espera um grande público nesta quinta, contra o Coritiba.

Equipe amapaense de basquete fica em quarto lugar no Norte/Nordeste

A

mapá conseguiu a quarta colocação no Campeonato Master Norte/Nordeste de basquetebol, realizado em João Pessoa, de 27 de abril a 1º de maio. Entre as equipes disputando, estavam: Rio Grande do Norte; Ceará, Bahia , Feira de Santana (BA), Amapá, Amazonas, Paraíba e

Pernambuco. A equipe campeã foi a do Rio Grande do Norte e a vice campeã foi a Bahia. Na seleção amapaense estavam: Zecão (14), Edson Coelho (12), Américo Diniz (13), Marco Chagas (4), Salomão (15), Helton Albuquerque (11), Rudá (7) e Alan (10). Divulgação

Torcida do Paysandu promete grande número hoje, no Mangueirão, em jogo de vida ou morte diante do Coritiba

Nos jogos em Belém, Coritiba venceu mais o Papão da Curuzu

P

aysandu e Coritiba jogam nesta quinta-feira, às 19h30, no estádio Olímpico Edgar Proença, o Mangueirão, pelas oitavas de final da Copa do Brasil. A partida é a segunda do confronto pela competição nacional e a décima entre as duas equipes em

território paraense. Nas nove partidas anteriores o Coxa-Branca venceu três, quatro terminaram empatadas e os bicolores venceram duas vezes. A última vitória do Papão foi por 2 a 1, em 2005, pelo Campeonato Brasileiro da Série A. Para se classificar às

quartas de finais, o Paysandu precisa vencer por 3 a 0 ou pelos placares elásticos 5 a 1, 6 a 2. A torcida bicolor deve lotar o estádio e empurrar a equipe para uma vitória. Até esta terça-feira (1) foram vendidos mais de 22 mil ingressos.

Sem diálogo e com SMS, Deivid sente falta de dirigente no Fla

J

Seleção Master de Basquete do Amapá – Zecão (14), Edson Coelho (12), Américo Diniz (13), Marco Chagas (4), Salomão (15), Helton Albuquerque (11), Rudá (7) e Alan (10). Quarta colocação no Norte/Nordeste

Clubes reclamam, mas dois jogos da final do Paulista serão no Morumbi

A

reunião na FPF (Federação Paulista de Futebol) decidiu que os dois jogos da decisão do Campeonato Paulista entre Santos e Guarani serão disputados no Estádio do Morumbi. As partidas estão marcadas para os próximos dois domingos, às 16h, com os ingressos mais baratos custando a R$ 60 (R$ 30 a meia-entrada). Na primeira partida, com “mando” do Guarani, 55% dos ingressos ficarão com o time campineiro, enquanto 45% irão para o Santos. No jogo de volta, os valores serão invertidos (55% para o Santos e 45% para o Guarani). A renda das duas partidas será dividida entre as equipes. O São Paulo, dono do Morumbi, ficará com 12% da arrecadação por alugar o estádio para a final. Segundo os presidentes dos clubes, a decisão de marcar as partidas no Morumbi coube exclusivamente à Federação Paulista, porque a vontade dos times não era essa. Marco Polo Del Nero, presidente da FPF, rebateu. “A Federação não faz im-

posição, houve colocações, explicando porque seria melhor jogar em um estádio maior, condições para o torcedor, gramado bom. Feitas essas coloacões e chegamos à conclusão que seria melhor no Morumbi. Depois das colocações, os clubes acabaram aceitando”, disse o presidente Marco Polo Del Nero. Os presidentes de Santos e Guarani, no entanto, rebateram a versão do dirigente. “Eu lutei bastante, queria deixar claro pro torcedor bugrino pela final ter que sair do Brinco de Ouro. Eu fui vencido e a Federação tem o direito de poder determinar o palco dessa final. Não consegui manter lá no Brinco de Ouro. Mas os Guarani vai para o Morumbi fazer o trabalho que faz desde o começo do campeonato. Vamos enfrentar um time espetacular e que tem o melhor jogador do mundo, que é o Neymar. O Santos pode ficar tranquilo porque o Guarani não tem agressividade, é um time que joga pra frente e pensando em ganhar. Agora vamos pro

jogo, pra esses jogos no Morumbi. Será um grande espetáculo e espero que o Guarani vença”, disse o presidente bugrino Marcelo Mingone. “Há uma preocupação muito grande com o conforto do torcedor que é o verdadeiro dono do espetáculo. Há o aspecto financeiro que é também relevante. A bilheteria é um aspecto importante e as equipes precisam de dinheiro pra fazer um time competitivo. O Santos vai pras finais com absoluta humildade e sem nenhuma pretensão de ser melhor que ninguém. Sabemos que vamos enfrentar um time que o Mingoni conseguiu montar e o técnico Vadão conseguiu colocar os meninos pra jogar. E isso só se faz quando tem harmonia. Não é diferente do que acontece no Santos. Temos um palco adequado para os dois torcedores. Vai ser um espetáculo, o gramado está em condições excelentes. Há um conforto natural de um estádio moderno. É um estádio de grandes lutas, que lá já foram realizadas.

oel Santana não aparece em campo. O clube segue em busca de um diretor executivo. E nos últimos dias nenhum dirigente tem acompanhado os treinamentos no Ninho do Urubu. Deivid revelou que, desde a eliminação na semifinal para o Vasco, o treinador ainda não conversou com o grupo e destacou que a ausência de um homem forte no futebol é prejudicial e faz com que alguns jogadores tenham que mandar mensagem diretamente para a presidente Patricia Amorim para resolver problemas. “Todo clube tem que ter um diretor, até para resolver as situações do centro de treinamento. Lógico que a gente sente falta, passa uma mensagem para presidente. Quando não tem um diretor, tem que passar direto para ela, que tem que resolver um monte de coisas no clube. É o que o grupo pensa. Mas deixamos para a Patricia, ela é ciente disso. Que precisa, precisa. Precisa para ter aquele diálogo, até para a gente ter um comando aqui dentro, conversar, conversa de futebol, o que precisa, para trabalharmos juntos”, afirmou Deivid. O clube espera anunciar em breve o novo diretor-executivo do futebol do clube. O prazo dado pela diretoria foi até esta quarta-feira, mas o prazo será estendido. O vice Paulo César Coutinho não tem aparecido no centro de treinamento, mas se colocou à disposição para resolver

Deivid quer diálogo com dirigentes e afirma que Joel não quer conversa

eventuais problemas. “É a opinião do Deivid, que pode ficar chateado. Mas os jogadores podem me solicitar, estou sempre à disposição. Eles pegaram o hábito de falar diretamente com a Patricia, pois ela acumulava as funções. Com a contratação de um diretor, espero que isso deixe de ocorrer. Nos últimos dias não estive no Ninho, mas trabalhei na Gávea para resolver outras questões afirmou Coutinho. Mesmo sem alimentar polêmica, o vice de futebol deu uma leve alfinetada: “Vamos ter um diretor com perfil de disciplinar, não sei se é isso que ele (Deivid) está pensando”. Coutinho, que esperava anunciar o novo homem forte de futebol nesta quarta, não estipulou prazo para o acerto. Além de Luiz Henrique e Zinho, um terceiro dirigente que não teve seu nome revelado também está em pauta.

Silêncio Deivid revelou também que Joel ainda não conversou com o grupo sobre os problemas na temporada. “Ele ainda não conversou com a gente, não tem falado nada. Mas ele vai falar, erros nós tivemos - afirmou o atacante, que também comentou o fato de Joel não ir a campo desde a véspera da semifinal da Taça Rio, contra o Vasco. “Na Europa, isso é normal, quem dá o treino é auxiliar. No Brasil, nunca tinha visto isso, mas acho que é por a gente estar treinando a parte física e ele não tem o que fazer em campo. Tenho certeza que lá dentro ele está vendo vídeos. Sobrou para Deivid passar pela sabatina dos jornalistas, já que Ronaldinho Gaúcho não concede coletiva e Vagner Love também não tem se colocado à disposição para as entrevistas.


JD

Esporte

Macapá-AP, quinta-feira, 03 de maio de 2012

C2

Editor: Franck Figueira- franckfigueira@jdia.com.br

Fla acerta com Ibson, mas indefinição na data de apresentação adia anúncio oficial Patricia já foi avisada de que acordo entre clube carioca e Santos está selado. Nome do diretor também pode sair

E

ntre Flamengo e Ibson está tudo certo. Após algumas rodadas de negociações, clube e jogador definiram valores, tempo de contrato e salários a serem pagos durante o vínculo entre as partes. No entanto, uma pequena indefinição na data de apresentação do meia ao rubro-negro segue adiando o anúncio oficial da “contratação de peso” prometida pela diretoria do time da Gávea.

Enquanto o Flamengo deseja contar com Ibson imediatamente após a final do Campeonato Paulista, no próximo dia 13, o Santos, que ainda detém os direitos econômicos do jogador, pretende utilizar o atleta até o fim da disputa da Copa Libertadores da América. Em entrevista recente, o técnico Muricy Ramalho confirmou a negociação e revelou o desejo santista. Caso passe pelo Bolívar nas oitavas de final e

consiga avanças nas fases seguintes até a disputa da final da competição sul-americana, o Santos poderia contar com Ibson até o dia 4 de julho, data da segunda partida da decisão. De longe, o Flamengo tenta demover o clube santista da ideia. Para isso, além de ceder 70% dos direitos econômicos do lateral direito Galhardo, 60% do zagueiro David Braz e mais R$ 2,5 milhões de reais, o Flamengo conta com a vontade de Ibson em retornar ao clube do coração. Homem forte da diretoria e responsável por boa parte das negociações em curso no departamento de futebol, o vice de relações externas do clube, Walter Oaquim, evitou falar oficialmente sobre a contratação, mas confirmou que faltam detalhes para que Ibson retorne ao Flamengo. “Eu não quero falar que

Com pênaltis polêmicos e golaço, Messi supera recorde e Barça goleia

está certo pois não seria correto com algumas partes envolvidas. E também só falo depois que o contrato é assinado. mas posso garantir que res-

tam detalhes nessa conversa com o Ibson”, explicou Oaquim. Ibson chega como segundo reforço para o meio campo rubro-ne-

gro. Cáceres, que também disputa a Libertadores, pelo Libertad-PAR, chegará o time carioca após a competição sul-americana. Além dos

dois, a diretoria ainda busca nomes para zaga e a contratação de um diretor executivo para comandar o futebol do clube. Divulgação

O meio campista Ibson deve vestir a camisa rubro-negra no Campeonato Brasileiro 2012. O jogador tem passagens memoráveis pelo clube que o revelou

Real Madri bate Athletic Bilbao e levanta a taça do Espanhol antecipado Divulgação

O

Messi fez um golaço dos três e assume a artilharia na Espanha

D

essa vez não houve travessão ou Petr Cech, do Chelsea, que pudesse parar Lionel Messi. É bem verdade que dois gols foram em pênaltis polêmicos, mas o craque argentino ainda anotou uma pintura para não deixar dúvidas. Com direito a novo recorde superado, o camisa 10 ajudou o Barcelona a golear o Málaga, por 4 a 1, no Camp Nou, em jogo válido pela 20ª rodada do Campeonato Espanhol, forçando o rival Real Madrid a derrotar o Athletic Bilbao para se sagrar campeão antecipado. O hat-trick levou Messi aos 68 gols em toda a temporada pela equipe do técnico Josep Guardiola, que comandou a segunda de suas cinco despedidas ao lado do auxiliar e futuro treinador Tito Vilanova. Desta forma, o atacante ultrapassou o alemão Gerd Müller, que havia marcado 67 vezes pelo Bayern de Munique na temporada 1972/1973. No Espanhol, ele tem 46 gols, três a mais que o português Cristiano Ronaldo, e ainda jogará mais três vezes: duas pela liga e outra pela final da Copa do Rei, contra o Athletic Bilbao. Além de Messi, o zagueiro Puyol também deixou o seu pelos mandantes, vice-líderes e que somam 87 pontos, quatro a menos do que o Real Madrid. Vale ressaltar, no entanto, que o time merengue precisa

apenas de mais uma vitória para se sagrar campeão - o primeiro adversário é o Athletic Bilbao, ainda nesta quarta-feira, em San Mamés. O atacante Rondón descontou para os visitantes, que permaneceram com 55 pontos, na quarta colocação. Apesar de o confronto sugerir uma certa dificuldade, o Barça não encontrou muitos problemas para conhecer o seu 27º triunfo na competição. Aos 13, pouco depois de sofrer uma bola na trave em falta cobrada por Duda, o time da casa abriu o placar: Messi ligou Iniesta, que cruzou da direita para Puyol completar. O Málaga chegou a empatar, com Rondón, de cabeça, aos 26, mas sofreu o segundo aos 35: Iniesta avançou com a bola e sofreu a falta - a dúvida é se ela aconteceu dentro ou fora da área. Messi se encarregou da cobrança e fez. Novo pênalti marcado a favor do Barcelona causou dúvidas aos 14 da etapa final, quando Messi dividiu com Duda e caiu. O argentino não ligou para os protestos dos visitantes e anotou o segundo. O terceiro, porém, não deixou contestações: aos 19, ele foi lançado por Iniesta e, sozinho, se livrou do goleiro Kameni com um balão para se consagrar mais uma vez.

Athletic Bilbao prometia fazer de “La Catedral” um caldeirão nesta quarta-feira. A torcida, convicta de que seria um 12º jogador, até seguiu o script. Mas em campo é preciso de muito mais do que vaias e canções empolgantes para superar uma equipe que foi derrotada apenas cinco vezes em toda a temporada. Esse é o Real Madrid, que ignorou a pressão em San Mamés, venceu por 3 a 0, em jogo adiado pela 20ª rodada, e conquistou, com duas rodadas de antecipação, o Campeonato Espanhol pela 32ª vez. Os gols que garantiram o título foram marcados por Higuain, Özil e Cristiano Ronaldo. O craque português ainda perdeu um pênalti quando o placar estava zerado, mas fechou o placar com uma cabeçada, além de dar o passe para o meia alemão fazer o segundo. O camisa 7 soma 44 tentos na competição e está a dois do argentino Lionel Messi, do

Jogadores do Real Madri comemoram o gol de Cristiano Ronaldo e do título antecipado do Campeonato Espanhol

Barcelona. O clube catalão, por sinal, não pode mais alcançar o arquirrival por somente restarem duas rodadas. A diferença entre ambos é de sete pontos (94 a 87) e, por mais que vença no confronto direto (fez 3 a 1 no Santiago Bernabéu e sofreu 2 a 1 no Camp

Nou), dependia de um tropeço ainda nesta quarta para seguir vivo na luta pelo tetracampeonato. Além de quebrar a hegemonia do time comandado por Josep Guardiola, José Mourinho conseguiu o seu primeiro Espanhol, alcançando desta forma o sétimo troféu de campeo-

nato em quatro países diferentes - ele coleciona dois títulos no Porto, no Chelsea e no Internazionale de Milão. No Real, o treinador já havia conquistado a Copa do Rei na última temporada. O Real era campeão espanhol pela primeira vez desde 2007/2008

Lyoto Machida quer luta experimental na categoria do amigo Anderson Silva

A

categoria peso-médio (até 84kg) do UFC em breve pode ganhar um grande reforço. Mas, pelo menos a princípio, será apenas uma experiência. Depois de um longo período sem saber quem seria seu próximo adversário, Lyoto Machida finalmente recebeu a boa nova. Ele vai enfrentar o americano Ryan Bader no evento que será realizado no dia 4 de agosto, em Los Angeles, nos EUA. Mas o meio-pesado (até 93kg) revelou, em entrevista exclusiva ao SPORTV.COM, que a indefinição o fez cogitar pedir para o Ultimate uma luta na divisão de baixo, que

tem o amigo Anderson Silva como atual campeão: “Eu já estava disposto a lutar e não aparecia oportunidade. A categoria está desfalcada, meio misturada, e eu não sabia, né? Tinha até a intenção de lutar na categoria de baixo para não perder a oportunidade de me manter no ritmo. Falei com meus empresários, o Ed Soares e o Joinha, aí eles pediram para eu ter calma. Interesse Apesar da quase negativa de seus representantes, Lyoto disse que segue interessado, mas só com o objetivo de se manter ativo, uma vez que ele não

vê tantos adversários para enfrentar nos meio-pesados. Na divisão até 93kg, o baiano radicado em Belém tenta se recuperar de uma sequência de três derrotas nas últimas quatro lutas - perdeu para Maurício Shogun, Rampage Jackson, venceu Randy Couture e caiu diante do campeão Jon Jones. Demissão? É uma possibilidade que incomoda, é verdade. “Acho que a ameaça sempre existe. Não existe segurança plena. Mas procuro não pensar dessa forma. Busco acreditar no meu trabalho e focar em outras coisas, no que posso fazer. Quando a

gente foca no que está saindo, deixa de focar no que pode entrar. Quero focar no que quero produzir daqui para a frente”. E o bate-papo não para por aí. Lyoto lembrou que já treinou com Ryan Bader quando fez uma visita à casa da oitava temporada do The Ultimate Fighter americano, do qual seu próximo oponente saiu vencedor. Disse que a “negra” com Shogun vai acontecer “mais cedo ou mais tarde”, e que espera voltar a disputar o cinturão com duas ou três vitórias. E, para ele, o fenômeno Jon Jones não é imbatível e “tem seus defeitos”. (combate.com)


JD

Diversão&Cultura

Fotos inéditas de Marilyn Monroe nua são publicadas Atriz americana aparece em fotos sensuais para uma revista masculina

U

ma série de fotos inéditas da atriz Marilyn Monroe nua serão publicadas na edição de junho da revista Vanity Fair. Sob o título de A Splash of Marilyn, a publicação mostra imagens da célebre atriz logo após sair da piscina e fala de suas inseguranças, frustrações profissionais e rivalidade com Elizabeth Taylor. O texto é uma adaptação das memórias do fotógrafo Lawrence Schiller, a quem a atriz de Quanto Mais Quente Melhor pediu expressamente que a retratasse sem roupa para tentar roubar atenção de Liz Taylor. Schiller tinha 23 anos quando retratou Marilyn nua, após prometer a ela que Liz Taylor não apareceria nas edições em que suas fotos fossem publicadas. Marilyn assinara um contrato de US$ 100 mil para atuar no que seria seu último filme, Something’s Got to Give, enquanto Taylor na época cobrava US$ 1 milhão por Cleópatra e revo-

lucionara Hollywood por sua relação com o ator Richard Burton. Marilyn Monroe queria demonstrar aos estúdios Fox, com os quais trabalhava, que era capaz de gerar tanto interesse no público quanto a “rival”. A Playboy acabou pagando US$ 25 mil pela nudez de Marilyn, a maior quantia desembolsada até então pela revista por uma fotografia, e Schiller agradeceu à atriz por isso. “Não há ninguém que fique como eu sem roupa”, orgulhou-se a atriz, que, apesar de tudo, sentia-se rejeitada, segundo contou o fotógrafo. “Deixe-me perguntar, Larry: quantas indicações ao Oscar eu tenho?”, disse ela. “Não sei”, respondeu ele. “Eu sim, nenhuma”, se queixou Marilyn, que se questionava se a única coisa que reparavam nela eram os seus atributos físicos. “Quero demonstrar que posso conseguir publicidade sem usar meu traseiro ou sem ser despedida de um filme”, contou a

Pitt gastou mais de US$ 10 milhões em casamento

B

rad Pitt decidiu tomar frente na organização de seu casamento com Angelina Jolie. A cerimônia, que será realizada durante o verão europeu deste ano, terá como palco uma casa dos dois, localizada ao sul da França, informou o Female First. De acordo com uma fonte, o norte-americano está investindo em uma grande reforma no imóvel, e utilizando os serviços de um restaurador especializado em palácios. “Brad já gastou mais de US$ 10 milhões. Agora, ele está oferecendo

bônus generosos aos trabalhadores que conseguirem terminar o trabalho até o verão”, disse a fonte à revista Grazia, acrescentando que a estrela hollywoodiana ainda pretende construir uma pista de pouso para aviões, para que os convidados cheguem em seus jatos particulares. Além de querer que o cardápio da celebração seja produzido por locais e com características da região, Brad Pitt também convidou o irmão de Angelina Jolie, James Haven, para ministrar o casamento.

Regina fica eufórica com a bolsa de estudos de Michele. Gabi se sente culpada pelo término do noivado de Miriam. Carmem, Zé e Valéria chegam a Vila dos Milagres e são recebidos por Jacira e Tobias. Gracinha cuida de Rodrigo. Clara dá o recado de Verbena para Rodrigo. Miriam conta para Laura e Gil que Fernando terminou o noivado. Antônio leva Gracinha para conhecer o condomínio São Jorge. Clara reconhece Lexor nos desenhos de Rodrigo. Virgílio chega à ONG Ninho Vazio.

Celebridades Carol Castro DIVULGAÇÃO

Sozinha

Em entrevista à revista Quem Acontece, a atriz Carol Castro, que atualmente está solteira após dois anos de casamento com Marco Bravo, falou sobre amor e sobre as dificuldades de conhecer uma nova pessoa para se relacionar. Para ela, o problema é que seu tipo ideal de homem é “raro e está em extinção”.

Sem férias atriz, que também confessou seus desejos de ser mãe, embora lhe aterrorizasse a ideia de ter um filho. No dia anterior ao de sua

morte, por overdose de barbitúricos em 5 de agosto de 1962, a atriz enviou a Schiller a fotografia de que mais gostava para que fosse publicada na Playboy.

Grávida de seis meses, Claudia Leitte informou, por meio de sua assessoria de imprensa, que não pretende deixar os palcos por causa da gravidez. “Vou trabalhar até parir. Só vou parar para ter o bebê”, disse a cantora que tem 10 shows confirmados apenas para este mês de maio.

Fernanda Abreu

Cantor que inspirou Crô teria sofrido agressão em boate

Acabou

A cantora Fernanda Abreu está separada do designer Luiz Stein. A informação foi confirmada pela assessoria de imprensa de Fernanda na manhã de ontem (2). Fernanda estava casada há 28 anos com Luiz, com quem tem duas filhas: Sofia e Alice. A crise no relacionamento do casal começou quando Stein foi visto com a atriz Camila Morgado.

O

cantor David Alvarez, que inspirou Marcelo Serrado a dar vida ao personagem Crô de Fina Estampa, afirmou ter sido agredido por um segurança de uma boate carioca. No Twitter, David postou fotos em que aparece com o rosto inchado e um olho roxo. “Eu frequento a Fosfobox há anos, e nunca, nunca fui tratado assim. Eu fui agredido pelo segurança por fumar um cigarro no subsolo, sendo este apagado no momento, e mesmo que não, não existiria motivo pra tal”, explicou ele para os

Resumo das Novelas

Amor Eterno Amor

Editor: Pablo Oliveira - pc.oliveira@jdia.com.br

DIVULGAÇÃO

Horóscopo

seguidores. O cantor foi tratado no hospital Copa D´Or e afirmou que ia ser submetido a um exame de corpo de delito e que não deixaria “por menos”. “Ainda não estou enxergando total do meu olho direito! Amanhã deve passar em algum noticiário da Globo”, postou ele na mandrugada desta quarta-feira (2). O ator Marcelo Serrado foi solidário ao cantor e publicou mensagens no Twitter desaprovando e lamentando o ocorrido. “Nada justifica uma agressão dessas!”, escreveu.

Cristal se faz de vítima para que Gabriel aceite sua proposta. Moisés oferece a um jornalista a gravação da entrevista que Juninho deu a Cristal. Alexia comenta com Laura que Vitinho pode ser um mau caráter se fazendo passar por amigo de Carmem. Natália, Dieguinho, Jefferson e Fôjo detestam a música composta por Moisés. Babi e Guido conversam animados pelo computador. Moisés ameaça Cristal para conseguir a entrevista que ela fez com Juninho.

C3

Claudia Leitte

No Twitter, David postou fotos em que aparece com o rosto inchado e um olho roxo

Malhação

Macapá-AP, quinta-feira, 03 de maio de 2012

Quinta-feira - 03/05/2012

Cheias de Charme Penha expulsa Sandro de casa e o detetive contratado por Humberto fotografa tudo. Rosário decide levar o primeiro CD que gravou com Kleiton para Fabian. Rosário entrega seu CD para Fabian e Laércio observa. Cida avisa que não poderá acompanhar Conrado no aniversário de um amigo quando Isadora surge de saída para a mesma festa. Romana avisa a Inácio que está no hospital. O homem a quem Sandro devia descobre que foi enganado e procura Penha. Fabian conta para Rosário que escutou seu CD.

Avenida Brasil Nina reclama da pressão de Jorginho. Suelen paga um lanche para Iran. Max discute com Ivana. Jorginho termina com Débora. Max conversa com Nina e Carminha discute com ele. Carminha fica radiante quando Tufão diz que vai dar dinheiro para ela. Jorginho conta para Tufão que terminou o seu noivado. Jorginho fala sobre o término do noivado e Nina fica nervosa. Débora pede para Lucinda lhe dizer quem é a mulher que entrou na vida de Jorginho. Jorginho exige que Nina peça demissão.

Áries (21 mar. a 20 abr.) Um dia de sorte e alegria para você, com encontros alegres, receptividade e ótima troca afetiva. Reserve bastante espaço para explorar sua criatividade. Você poderá ser convidado para representar algo ou alguém. Sugestão? Seja inovador!

Libra (23 set. a 22 out.) A solução que procura virá de uma pessoa amiga, de suas relações, que surge com saída inovadora, surpreendente e interessante. Assim você tira mais um peso de seus ombros! Respeite seus limites orgânicos. Destaque no trabalho.

Touro (21 abr. a 20 mai.) Você vive um momento de consolidação e reforço de suas certezas e crenças. Consciente de seus valores, também é mais simples focar no que lhe dá a devida segurança. Mas hoje é importante temperar tudo isso com simpatia e sensibilidade!

Escorpião (23 out. a 21 nov.) Você começa a semana com sensibilidade apurada para cuidar bem de sua carreira, caprichando na apresentação pessoal e mostrando todo seu talento, que irradia segurança! Novidades no trabalho cotidiano. Soluções estão surgindo.

Gêmeos (21 mai. a 20 jun.) Que tal quebrar a rotina de verdade? Lua e Urano trazem para o primeiro plano as aventuras mentais e as explorações geográficas. Ótimo para pequenas viagens. Abra seu coração para descobrir, olhar com novos olhos, reinventar e criar. Câncer (21 jun. a 21 jul.) Cuidado com a carteira neste início de semana, canceriano! A expectativa de contar com a sorte futura pode ser uma tentação irresistível hoje, com resultados nefastos para seu orçamento. Controle os gastos de verdade hoje. Leão (22 jul. a 22 ago.) Lua em seu signo por 48 horas aproximadamente sugere bons auspícios para tratamentos, cuidados pessoais e de saúde em geral no período. Procure diminuir as atividades externas e com outras pessoas para ficar sossegado e a vontade consigo. Virgem (23 ago. a 22 set.)

Contatos pouco simpáticos com clientes, sócios e parceiros mantenha reserva sobre suas reais intenções de comando, administração e controle das operações. Não será bem visto. Há hora para tudo, não queime seus cartuchos inutilmente.

Sagitário (22 nov. a 21 dez.) Sorte e proteção para você neste início de semana, com Lua e Urano favorecendo suas iniciativas mais ousadas, pois será bem recebido por quem tem poder executivo. Aproveite também para iniciar algo novo em sua vida pessoal. Capricórnio (22 dez. a 20 jan.) Boas mudanças no campo familiar e doméstico. Invenção e inovação. Focalize assuntos ligados a filhos, e se você leciona, ou trabalha com representações, seu dia terá destaque positivo. No amor, conversas distanciam, gestos bonitos aproximam. Aquário (21 jan. a 19 fev.)

Visão mais clara do que quer ajuda a estabelecer novas regras também nos relacionamentos - estáveis ou passageiros. Saturno ajuda com a experiência e a moderação, enquanto a Lua fornece a modulação emocional adequada para isso.

Peixes (20 fev. a 20 mar.) Netuno no início deste signo denota um ambiente de sonho e até certa confusão no âmbito pessoal. Marte em Virgem atrita você com as demandas de ordem, disciplina e exatidão de parceiros exigentes demais para seu gosto. Paciência!


Sociedade

Aline Lima alinelima@jdia.com.br

Macapá-AP, quinta-feira, 03 de maio de 2012

Editor: Pablo Oliveira - pc.oliveira@jdia.com.br

Contrate o Programa Balada Fashion para o seu evento: Inauguração de empresas, coquetel de lançamento da nova coleção, aniversário, formatura, confraternização, etc... Contatos: 9112 5045/ 9112 1989. Programa Balada Fashion todos os sábados às 18:40 e reprise aos domingos às 14h. Na REDETV. Carisma da jovem Gabriela Torres Alexandre e Natalia Noemia em recente evento

Mensagem do dia Comece o dia fazendo uma limpeza! Varra de seu coração: a tristeza, a angustia, a aflição. Varra de sua vida: a inveja, a maledicência, a fofoca... Varra do seu corpo: a preguiça, o tédio, os maus pensamentos, e tenha um BOM DIA!

Radioterapia do Amapá

Nesta sexta-feira, 4 de maio, o Instituto de Oncologia e Mastologia (IOM), realiza o lançamento do 1º Centro de Radioterapia do Estado do Amapá. O evento vai marcar a história da saúde no Amapá, por tratar-se de um serviço especializado, de alta complexidade, inexistente no Estado, que visa atender pacientes com câncer que necessitam deste tipo de tratamento. Amapá e Roraima são os únicos estados brasileiros que ainda não possuem Radioterapia, sendo necessário mandar seus pacientes para outros estados como Belém, Maranhão, Goiânia, Brasília, entre outros, causando atrasos no tratamento e até perda dos mesmos. Além de gastos financeiros elevados para os pacientes, familiares e para o Estado. A Radioterapia é uma das formas de tratamento de câncer, que utiliza feixes de radiação ionizante para destruir as células tumorais. Uma dose pré-calculada de radiação é aplicada, em um determinado tempo, a um volume de tecido que engloba o tumor, buscando erradicar todas as células tumorais, com menor dano possível às células normais circunvizinhas.

Sorriso simpático e muita descontração da bela Geiciane, em evento da noite

Toda a beleza de Helen Priscila

Marcos Vicente em momento de descontração

O casal Gisele e Anderson é só alegria e felicidade


Jornal do Dia 03/05/2012