Page 1

Visando a Copa do Brasil . Time do Trem vence último amistoso antes da estreia. nC1 Macapá, Sexta-feira, 18 de Fevereiro de 2011

R$ 2,50 Domingo e Segunda R$ 1,50 Terça a Sábado

Suspeita de ato secreto na Assembleia Legislativa

Amanajás desconhece protocolo eletrônico

Polêmica levantada pelo deputado Edinho Duarte (PP) ressalta que renúncia do ex-presidente Jorge Amanajás foi um ato secreto. já Jorge Amanajás afirma que desconhece o protocolo eletrônico, ferramenta implantada em sua administração e que acusa o não recebimento de sua renúncia por aquela Casa.nA3

TSE encaminha ao Supremo recurso de João Capiberibe Mais uma vez o ex-senador João Capiberibe (PSB) tenta na Justiça fazer valer seus votos e tomar posse no Senado Federal. Esta semana, ele conseguiu que seu recurso chegasse ao STF (Supremo Tribunal Federal), onde tentará derrubar sua cassação, que foi baseada na Lei da Ficha Limpa.O encaminhado ao STF foi feito por ordem do presidente do TSE (Tribunal Superior Eleitoral), ministro Ricardo Lewandowski. nA3

Lixo plástico toma conta de área de ressacas e poder público não toma atitude nB3 GEA aguarda autoriGoverno quer zação da AL para con- adaptar tabela do tratos administrativos IR ao novo mínimo A finalidade é contratar pessoal para as áreas da segurança pública, educação, saúde, informática e administrativa. nA4

Com o aumento do salário, é necessário elevar também o limite de renda de quem pode ficar isento de declarar o IR. nA5

IFAP promove I Encontro de Educação Inclusiva nB3

Casos de malária em Oiapoque têm redução nB4

Roberto recebe apoio dos vereadores e anunciam frente de trabalho nA3

Na edição de hoje

32 Páginas em 05 Cadernos Opinião A2 Política A3, A4 Economia A5, A6 Sociedade C4

Dia Dia B1, B2, B3, B4 Esporte C1, C2 Suplemento D1, D2, D3, D4 Edição número: 7537

Cadastramento da meia-passagem no transporte público inicia em 1º de março

O cadastramento e recadastramento da meia-passagem vai iniciar no próximo dia 1º de março e prosseguir até 30 de abril, sendo retomado em agosto para atender aos universitários que iniciarem seus cursos no segundo semestre. nB4

Sindicato denuncia demissão em massa de Agentes Comunitários de Saúde do Programa Saúde da Família nB1

Mais de

5.200

oportunidades


Jornal do Dia

OpiniãoA2

Macapá-AP, sexta-feira, 18 de fevereiro de 2011

Respingando Caro O cadastramento e recadastramento da meia passagem do transporte público em Macapá, que terá início no mês de março, já estão causando insatisfação por parte do corpo estudantil. Tudo por conta dos valores cobrados. A taxa para cadastramento será de R$ 12,00 e para recadastramento de R$ 6,00 – valores um pouco salgados para o bolso de muito aluno carente. Recadastramento A Empresa Municipal de Transportes Urbanos (EMTU) encerra hoje o recadastramento de todos os seus servidores. O trabalho iniciou dia 18 de janeiro e tem o objetivo de readequar o quadro de pessoas às necessidades do órgão, que tem a prerrogativa de promover ações de gerenciamento do trânsito da capital. Promessa Na coletiva de imprensa realizada pelo Prefeito

Roberto Góes, que reassumiu a Prefeitura de Macapá, entre as prioridades de trabalho apresentadas pelo gestor, que ficou quase dois meses longe da cadeira, está a problemática envolvendo o asfalto da cidade. Neste quesito ele terá muito trabalho, pois Macapá está tomada por uma série de buracos de todas as formas, tamanhos e profundidade. Placas Desde o ano passado, quando foi prometida a instalação de centenas de placas indicativas com nomes de ruas e avenidas em Macapá, muitos macapaenses estão frustrados. Apenas algumas foram instaladas, bem longe do número que foi prometido e a cidade continua sem identificação. Será mais uma promessa não cumprida? Espero que não, pois não foi pouco o montante que já saiu dos cofres públicos para a realização do serviço.

Editorial

O

Pa t r í c i a L e a l

Paradas Quando estava no comando da Prefeitura, Helena Guerra, afirmou que iria fazer com que a empresa responsável pela instalação das novas paradas de ônibus cumprisse com o contrato de prestação de serviços assinado (que não foi barato) quanto à instalação do restante das paradas e o acordo referente à colocação de publicidade da Prefeitura de Macapá e Governo do Estado nestas paradas. Espero que Roberto Góes cumpra com o que Helena prometeu. Burlando O grande problema é que nas paradas, ao invés de ter as mídias prometidas ao poder público, foram colocadas propagandas de empresas privadas. Assim não dá! Estranho Outro fato que chama atenção em relação às novas paradas de ônibus é que no projeto apresentado deveriam ser

HoraHora

instalados banquinhos de metal em todas as unidades, porém não é isso que vemos pela cidade. Em muitos locais os tais bancos são feitos de madeira, fugindo totalmente do padrão, isso pode? Acho que não! Aleluia! Após inúmeras matérias publicadas na imprensa local a respeito da grande quantidade de semáforos que estão apresentando defeitos em Macapá, a EMTU enviou nota informando que ontem a empresa fez uma grande operação para colocar em funcionamento todos os semáforos que apresentaram defeito nos últimos dias. Tais defeitos seriam por conta das constantes quedas de energia e apagões. Parceria O Mutirão Carcerário do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), no Amapá, por intermédio de seu coordenador o Juiz Éder Jorge, firmou com a Faculdade de Macapá

(FAMA) Termo de Cooperação Técnica para a prática de estágio voluntário dos acadêmicos da instituição. A parceria visa a prestação de assistência aos apenados do Complexo Penitenciário do Estado. Serviços O objetivo da parceria é criar um mecanismo de assistência aos presos que carecem de atendimento no sistema carcerário estadual. Os atendimentos serão feitos por acadêmicos das áreas de Direito, Odontologia, Psicologia, Fisioterapia e Assistente Social. Hidrelétrica Hoje a partir das 9 horas, será realizada, no Salão Nobre da Seção Judiciária do Amapá, audiência pública relativa à construção da Hidrelétrica Ferreira Gomes. A participação popular é muito importante pois serão discutidas questões de relevante interesse público.

Quem votou no Mínimo!

governo, leia-se presidente Dilma Roussef e sua base política, festeja com estrondoso foguetório noticioso a aprovação pela Câmara Federal do novo Salário Mínimo (SM), de R$ 545,00 em média, US$ 320.00 ou 242 euros ao câmbio de hoje que nos EUA e Europa não é nada mais que uma esmola. A cada R$ 1,00 gasto com o aumento do SM

é acrescentado nas contas da previdência R$ 300 milhões. E a classe política festejando a “merreca”, inclusive, até o ex-líder sindical e petista fervoroso, o deputado Vicentinho (PT), o “cristo” escolhido para relatar o projeto. Quais os deputados federais que votaram no mínimo com mais de 240 votos de diferença? E os que votaram contra o SM de R$ 560,00 proposto

pelas Centrais Sindicais (menos a CUT que é braço oficial do Planalto)? E os que foram contra o SM de R$ 600,00 proposta da oposição? Os nomes destes valorosos parlamentares estarão em todos os lugares, jornais, rádios, TVs, internet e sites de relacionamentos, alem dos arquivos da Casa. E no Amapá, como votaram os nossos oito representantes? A favor do atual mínimo

ou contra? Não temos conhecimento de que nenhum deputado federal tenha “consultado” suas bases – como propalam corriqueiramente quanto tem que tomar algumas atitudes de apoio em eleições – para tomarem tais decisões. Vem aí mais as eleições, majoritária e proporcional para prefeito e vereadores. Então será a hora do trabalhador acertar as contas!

Teatro dos Horrores Rodolfo Juarez Jornalista e bacharel em direito

N

ão dá para compreender a posição tomada por vários dos 24 deputados estaduais que se negam a comparecer ao Plenário da Assembléia Legislativa para trabalhar. A disputa na Justiça pela supremacia de um grupo sobre o outro, por cargos na Mesa Diretora da Assembléia Legislativa, deve ficar distante do que é atribuição do deputado desde o momento que foi diplomado e, principalmente, desde o momento em que foi empossado no cargo público de deputado estadual. Ora, alguém deve ser responsabilizado pelos erros praticados logo na primeira decisão dos parlamentares, entretanto, não pode ser penalizada diretamente a população que, é lógico, em início de governo, precisa dos deputados trabalhando, e trabalhando muito, no labor próprio de legislador, aprovando as leis que são indispensáveis à legalidade administra-

tiva de todos os demais poderes do Estado. A disputa entre dois grupos, que não tiveram a capacidade suficientes de esgotar a discussão e chegar a uma decisão, tanto que o assunto foi levado para que a Justiça do Estado decidisse, não pode servir de justificativa para as ausência, aliás irresponsáveis ausências, que os deputados tem feito questão de protagonizar, deixando de comparecer ao plenário da Assembléia. Já se vai o primeiro mês que deveria ser de trabalho e não houve trabalho. A mensagem do governador, uma exigência legal e regimental, que era para ter sido levada ao conhecimento dos deputados estaduais no dia 3 de fevereiro, fazendo um diagnóstico da situação geral do Estado do Amapá, até agora não foi lida ficando, dessa forma, fora do conhecimento dos deputados e da população que representam. Apesar dos partidos, apesar dos grupos, apesar das ideologias, dos compromissos políticos e do fisiologismo

de alguns deputados, é importante que seja levado em consideração a situação dos outros órgãos do Estado. Nesse momento o Poder Executivo, o Poder Judiciário, o Ministério Público e o Tribunal de Contas estão tendo que ajustar os seus programas para 2011, na esperar das decisões que interessam ao toda a Administração Estadual, mas que são atribuições dos deputados. De repente, mesmo antes de investir-se de suas atribuições, os deputados estaduais se engalfinham em uma luta pelo poder interno de tal forma que entendem justificar, com a ausência, que têm o direito de esperar enquanto a população assiste, estupefata, o teatro dos horrores, a céu aberto, com acusações de irregularidades de parte a parte. Os deputados precisam acordar para uma realidade – nesse momento a contribuição que estão dando para o parlamento estadual e para o Poder Legislativo, é de acréscimo no descrédito com o qual terminou o ano de 2010, com escândalos

que receberam diversos nomes. No próximo dia 20 de fevereiro serão depositados em conta os subsídios desses deputados, os salários dos assessores desses deputados. É importante que não esperem que a população vá aceitar isso passivamente, ou que não vai entrar para a história política de cada um. A decisão respon-

CONTRA - A oposição anunciou que vai recorrer ao Supremo Tribunal Federal para impedir que o salário mínimo seja reajustado por decreto nos próximos anos. O texto aprovado ontem pela Câmara estabelece que o aumento seja feito por decreto, seguindo a regra da lei: PIB de dois anos anteriores mais inflação anual. DESISTÊNCIA - Depois de anunciar mobilizações contra qualquer reajuste no salário mínimo e divulgar estudos mostrando a dificuldade que os municípios terão de fechar as contas se os gastos aumentarem, os prefeitos brasileiros decidiram abortar, na última hora, as articulações contra a proposta de aumento do piso salarial de autoria do Executivo. MOTIVOS - O recuo teve dois motivos: o temor de sofrer retaliações nas liberações das emendas pleiteadas junto aos parlamentares e a certeza de que o jogo estava sob o comando do governo. SUSPENSO - O Conselho Nacional de Justiça (CNJ) suspendeu a posse da nova diretoria do Tribunal Superior do Trabalho (TST), prevista para 2 de março. A decisão foi tomada ontem pelo conselheiro Jorge Hélio ao analisar um pedido de providência protocolado pela Associação Nacional dos Magistrados do Trabalho (Anamatra), que contesta a eleição do ministro João Oreste Dalazen para o cargo de presidente do TST para o biênio 2011/2013. SEM TAPETÃO - Se depender da cúpula do PMDB, o eleitor nunca mais verá um deputado com 275 votos chegar à Câmara puxado por quem conquistou um milhão de eleitores. Pela proposta do voto majoritário, apresentada ontem aos peemedebistas de forma apaixonada pelo vice-presidente da República, Michel Temer, só chegarão ao Parlamento os mais votados.

Charge do dia

Diretor Editorial José Arcângelo Pinto Pereira Diret. Adm. Financeira e Contábil Maria Inerine Pinto Pereira Diretor de Assuntos Corporativos Luiz Alberto Pinto Pereira Diretora Executiva Lúcia Thereza Pereira Assessoria Jurídica e Tributária Dr. Américo Diniz — OAB/AP 194 Dr. Eduardo Tavares — OAB/DF - 27421 Editora-Chefe Patrícia Leal— DRT / Fenaj - 42717/ SP

Uma publicação do Jornal do Dia Publicidade Ltda. CNPJ 34.939.496/0001-85 Fundado em 4 de fevereiro de 1987 ENDEREÇOS por Otaciano Bento Pereira (1917-2006) e Redação, Administração, Publicidade e Oficinas: Rua Mato Grosso, 296, PacoIrene Pereira val, Macapá (AP) - CEP 68908-350 - Tel.: (96) 3217.1110 Primeiro Presidente Júlio Maria Pinto Pereira (1954-1994) E-MAILS Editora-Chefe: patricia@jdia.com.br patricia_jornalista@hotmail.com pautas e contato com a redação: jornaldodia1@uol.com.br departamento comercial: jdcomercial@gmail.com josemaria@jdia.com.br mairaruth@jdia.com.br

FIL IAD OA

sável dos deputados, todos eles, é de assumir as responsabilidades que são inerentes do cargo público do qual estão investido, cumprindo o seu papel institucional e, principalmente, honrando a confiança que o eleitor, na condição de agente popular, depositou em cada um. Insistir nesse erro é mesmo que não ter responsabilidade com a História.

LIBERADOS - O governo federal considerou prescritos 8.231 processos abertos contra emissoras de rádio e TV por irregularidades cometidas no período de 1995 a 2007. Os processos foram abertos contra 3.148 empresas do setor de radiodifusão. Do total de processos, 3.765 geraram multas de R$ 9,2 milhões.

JD na Internet: www.jdia.com.br

VIA CELULAR: m.jdia.com.br

REPRESENTANTES COMERCIAIS JC Repres. Com. Ltda. n Brasília, DF n Tel. (61) 328.4108 - Rio de Janeiro, RJ n Tel. (21) 262.7469, São Paulo, SP Tel. (11) 223-7551 Visão Global Comunicação S/C Ltda. n Rua Alvarenga, 573- Butantã CEP - 05509-000 - São Paulo, SP Tel. (11) 3030. 1899, Fax (11) 3812.1414. Contatos Fale com a redação (96) 3217-1117 Fale com o departamento comercial (96) 3217-1100 / 3217-1102 Geral (96) 3217-1110 Conceitos emitidos em colunas e artigos são de responsabilidade de seus autores e nem sempre refletem a opinião deste jornal. Os originais não são devolvidos, ainda que não publicados. Proibida a reprodução de matérias, fotos ou outras artes, total ou parcialmente, sem autorização prévia por escrito da empresa editora.


Política

Jornal do Dia

A3

Macapá-AP, sexta-feira, 18 de fevereiro de 2011

Editor responsável : Túlio Pantoja < tuliopantoja@hotmail.com

Sob suspeita de ato secreto, Amanajás diz que desconhece protocolo eletrônico Deputado Edinho indaga ato secreto e Jorge Amanajás diz que desconhece funcionamento do protocolo eletrônico Janderson Cantanhede Da redação

A

disputa pela presidência da Assembleia Legislativa ganhou uma outra polêmica, desta vez, a renúncia do ex-presidente Jorge Amanajás (PSDB) vem causando dúvidas no meio político e jurídico. Jorge Amanajás disse que fez sua renúncia no

dia 26 de janeiro deste ano, e que o documento foi por duas vezes redigido pelo secretário legislativo José Arcângelo, que em outra oportunidade disse de forma documental que não recebeu no protocolo qualquer pedido de renúncia de Amanajás. O que chama a atenção, além da polêmica sobre a renúncia, é o fato de Jorge ter dito que desconhece o funcionamento do protocolo eletrônico. Edinho Duarte quis saber mais e levantou a indagação sobre o porque de Jorge renunciar poucos dias antes do termino do seu mandato. “Os membros da mesa não tomaram conhecimento. A ex-deputada Francisca Favacho era vice de Jorge e não ficou sabendo. Então porque ele não cumpriu o mandato de presidente? Porque fez uma renúncia sem conhecimento público? Seria esse mais um ato secreto? É inconcebível que a As-

sembleia depois de todo esse tempo queira ainda fazer ato secreto. Não dá para aceitar. Todos sabemos quais interesses existem nesse assunto”, indagou. Edinho destacou que os próprios membros da antiga mesa diretora não tomaram conhecimento da renúncia. Ele citou Francisca Favacho que subscreveu o desconhecimento da saída de Jorge, e também o ex-deputado Jorge Salomão que era secretário da mesa e também desconhece tal renúncia. Já Jorge Amanajás disse que não havia necessidade de procurar os membros da mesa, uma vez que a própria secretaria legislativa se encarregaria de fazer a comunicação. SEM CONHECIMENTO - Um outro fato que chamou a atenção foi Jorge Amanajás ter dito que não conhece o protocolo eletrônico da Assembleia Legislativa, ferramenta inclusive

Roberto recebe apoio dos vereadores e anunciam frente de trabalho Janderson Cantanhede Da redação

O

prefeito Roberto Góes (PDT) esteve visitando cordialmente ontem, a Câmara de Vereadores de Macapá. Ele foi recebido por um grupo de parlamentares municipais e discutiram, entre outros assuntos, obras para a capital. Desde que foi liberado, na última sexta-feira (11), Roberto vem fazendo reuniões e visitas políticas. Na segunda-feira esteve visitando a Prefeitura de Macapá e reuniu com a vice, Helena Guerra (DEM). Na terça-feira, foi a vez dos secretários municipais reunirem com o prefeito e anteontem (16), reuniu com a imprensa para falar sobre como pretende administrar a cidade pósoperação Mãos Limpas. APOIO - Desde que foi eleito em 2008, Roberto sempre teve o apoio do legislativo municipal. Acompanhado de sua esposa, Sara Núbia, Roberto foi recebido pelo

presidente Rilton Amanajás e os vereadores Aldrin Torrinha, Anab Monteiro, Luiz Monteiro, Acácio Favacho, Adriana Ramos, Antônio Grilo, Rusivan Ponte, Jaime Perez, Marcelo Dias, Gian do Nae, Carlos Murilo e Oliveira de Jesus. Na visita oficial, houve uma apresentação do plano de trabalho de Roberto Góes para os próximos dois anos de mandato. Em relação a comissão legislativa de acompanhamento, Roberto se colocou à disposição para qualquer tipo de investigação. “Tenho uma relação de amizade e respeito com o presidente Rilton e os vereadores. Estou em visita oficial para agradecer o apoio e pedir parceria para que possa executar serviços na área do asfalto, limpeza, segurança, combate a dengue e outros“, disse o prefeito. Roberto Góes ainda solicitou ao presidente Rilton (PSDB) que ambos marquem uma audiência com o governador Camilo Capiberibe (PSB), afim de acenar uma parceria. “O

“Entre” Janderson Cantanhede

JÁ MUDOU – Ontem era Barbosa. Hoje, o novo chefe de gabinete da PMM chama-se Carlos Eliomar Chagas de Aragão. Detalhe: ele era o titular da Semam, ou seja, mais uma mudança na Prefeitura. E isso, dizem, é só o começo.

aberto.

DUPLA EXPECTATIVA – O final de semana promete ser bastante movimentado. Terça sai a lista do presidente do MPE. Quarta, a decisão do desembargador Gilberto Pinheiro sobre a disputa da AL. Tem gente tomando remédio para passar a noite acordado, de olho bem

JURANDIL – Seis propostas para o ex-deputado federal. Uma da Argentina. Pessoas ligadas ao parlamentar dizem que ele prefere descansar até o segundo semestre desse ano.

‘‘

EM PAZ – Depois da visita durante a manhã de ontem, conversa entre PMM e Câmara é uma só: parceria com o governo do Estado. E aquele papo de cassação? Ninguém sabe, ninguém viu...

POLÍCIA – A sessão de ontem, na Câmara de Ve-

governador disse que vai fazer as parcerias e estamos com as portas abertas para trabalhar em prol da população de Macapá”, comentou Roberto. Para Rilton, a visita demonstra uma relação política de respeito. Ele voltou a frisar que não há processo de cassação e que apenas foi criada uma comissão de acompanhamento junto a Policia Federal. “Roberto Góes não foi indiciado e não há queixa crime. Por isso, não pode ser afastado da administração pública. Vamos continuar trabalhando em parceria com o governo municipal”, adiantou Rilton. Além de avaliar a gestão, a reunião serviu para articular melhor a Prefeitura e a bancada de vereadores, a fim de garantir que projetos importantes sejam concretizados na cidade. “Estamos superando o primeiro momento de dificuldades e precisamos trabalhar com uma maior dinâmica para que isso possa resultar na melhoria de qualidade de vida da população”, explicou o vereador Gian do Nae. readores de Macapá, teve a presença da polícia. Tudo por conta dos ânimos exaltados entre o Movimento Mãos Limpas e os vereadores. RETIRADA – O vereador Clécio Luis (PSOL) e outros vereadores não agüentaram a confusão e se retiraram do plenário. Aliás, quem consegue dormir com um barulho desses? LIBERADO – O comandante da Amapá Vip, Alexandre Albuquerque, foi liberado em Brasília. Ele continua na capital federal até a próxima terça-feira (22). NOVIDADES – Ele estava à disposição da Polícia Federal e do STJ desde o final de outubro do ano

Para Edinho Duarte (PP), a AL está mal acostumada em não publicar seus atos.

implementada durante sua legislatura. Para Edinho Duarte (PP), a Assembleia Legislativa está mal acostumada em não publicar seus atos. “Se houve o desejo de Jorge Amanajás renunciar, ele fez na escuridão e não publicou e nem comunicou ninguém”, disse. Edinho explicou ainda que a renúncia de Jorge deveria ter seguido o regimento da Casa. “É redigido e protocolado o pedido de renúncia, de-

pois encaminhado à mesa diretora para ser lido em sessão. Ele pode renunciar a hora que quiser, mas só torna definitivo depois que atender os procedimentos. Pelo menos dois membros da mesa não tomaram conhecimento”, disse Edinho. O ex-deputado Jorge Salomão, que foi membro da mesa da antiga legislatura, confirmou que não foi comunicado sobre a renúncia de Jorge Amanajás. “Todos os

TSE encaminha ao Supremo recurso de Capiberibe

M

ais uma vez o ex-senador João Capiberibe (PSB) tenta na Justiça fazer valer seus votos e tomar posse no Senado Federal. Esta semana, ele conseguiu que seu recurso chegasse ao STF (Supremo Tribunal Federal), onde tentará derrubar sua cassação, que foi baseada na Lei da Ficha Limpa. O encaminhado ao STF foi feito por ordem do presidente do TSE (Tribunal Superior Eleitoral), ministro Ricardo Lewandowski. Em dezembro, o TSE endossou decisão individual da ministra Cármen Lúcia que barrou a candidatura de João e sua mulher, Janete Capiberibe, no pleito de 2010. Em janeiro, o Supremo negou liminar em que Capiberibe pedia para ser diplomado senador. Ao rejeitar a solicitação, o presidente do STF, Cezar Peluso, afirmou que o caso ainda precisava ser resolvido pelo TSE, o que aconteceu agora, com a remessa do recurso determinada pelo tribunal eleitoral. Por ser considerado ficha-suja pelo colegiado, o casal se elegeu para Senado e Câmara, respectivamente, mas não pôde assumir a vaga. Eles foram cassados pelo TSE, acusa-

passado. Sem dúvida, Alexandre tem muita coisa para contar quando chegar... NÃO CONHEÇO – O exdeputado Jorge Amanajás (PSDB) disse que desconhece o funcionamento do protocolo eletrônico na Assembleia Legislativa. Foi na administração dele que a ferramenta foi implantada. VOTAÇÃO - O primeiro destaque ao projeto que estabelece o valor do salário mínimo contou com a presença de 489 deputados. Destes, 376 votaram contra a proposta do PSDB de aumentar a quantia para R$ 600, enquanto 106 concordaram e sete se abstiveram. TRAPALHADA - Entre os

dias durante o recesso eu estava na Assembleia. Então, não tinha motivos para se fazer a coisa escondida. Dalto deveria ter feito uma reunião com a mesa mas não fez. Uma renúncia é uma coisa séria. A coisa pública tem que ser pública. Se nós, deputados, não temos conhecimento da renúncia, então o que aconteceu? É um poder público e não duas pessoas que uma entrega o documento para outra e pronto”, desabafou.

dos de compra de votos nas eleições de 2002. Com a saída de cena de João Capiberibe, Gilvam Borges (PMDB-AP) ganhou cadeira no Senado. Em artigo publicado em janeiro na Folha, Capiberibe afirma que ele e sua mulher foram vítimas de armação política. Ele nega a compra de dois votos por R$ 26, em duas prestações, em 2002, acusação que teria resultado na cassação dos dois políticos.

Janderson Cantanhede

parlamentares da base, um dos destaques que votaram contra foi Tiririca (PR-SP). Ele disse que votaria de acordo com a orientação do seu partido. No entanto, segundo o relatório elaborado pela Coordenação do Sistema Eletrônico de Votação do Centro de Informática da Câmara (Cinen) da Câmara, ele foi contra o desejo do governo e votou com a oposição na matéria. SEM CORREÇÃO - De acordo com a assessoria do deputado, ele se confundiu na hora de votar e trocou o não, como orientado pelo governo e pelo partido, pelo sim, que aprovava a proposta da oposição. De acordo com o Cenin, o voto não tem como ser corrigido.

DESENCARNE - O expresidente Lula não tem jeito. Quanto mais tempo fora do poder, mas ele sente saudades. Em visita ao RJ, disse bem-humorado que ainda precisa “desencarnar da Presidência”. Tem razão, Lula. O apego material não faz bem ao espírito. CORTES - Libera de um lado, corta do outro. Os 282 deputados e senadores que tiveram emendas aprovadas ao Orçamento de 2011, mas não estão mais no Congresso, são alvo preferencial do corte de R$ 50 bilhões que está em preparação no governo e deverá ser detalhado na semana que vem. Essas emendas somam R$ 3,2 bilhões. Até amanhã...


Política

Jornal do Dia

Macapá-AP, sexta-feira, 18 de fevereiro de 2011

Editor responsável : Tulio Pantoja < tuliopantoja@hotmail.com

GEA aguarda autorização da AL para contratos administrativos São 2 mil contratos nas áreas da saúde, educação, segurança pública, informática e administração

Governador Camilo Capiberibe, solicitou autorização para a abertura de novos contratos administrativos na Assembleia Legislativa do Estado.

mos inchar o quadro com contratos. Todos os atos são comunicados ao Legislativo”, disse o governador. Os cortes dos contratos afetam alguns serviços. Camilo Capiberibe cita como exemplo a situação do Siac Superfácil de Oiapoque, que existiam 35 contratos administrativos. Atualmente não há nenhum. A redução no quadro tem resultado numa série de dificuldades para atender ao público que procura os serviços do Superfácil. O governador fez uma

série de visitas às instituições do Estado que funcionam em Oiapoque (Defensoria Pública, Siac Superfácil, etc.) e explicou aos servidores o motivo dos cortes dos contratos administrativos, que foi de cerca de 70%. “Mesmo assim existem vários órgãos que necessitam de contratos sob pena de comprometer o atendimento ao público. No caso do Siac Oiapoque eu explique que não é para criar expectativa quanto ao retorno dos 35 contratos, e sim no máximo 10. Na estrutura estadual do Superfácil havia

400 contratos e houve um corte de 75%”, acrescenta o governador. Em 2010, o número de contratos na gestão anterior chegou a 7 mil. No caso dos mil contratos administrativos na área da educação, Camilo Capiberibe disse que haverá uma redução por conta da apresentação de professores do quadro efetivo na Secretaria de Estado da Educação (Seed), que estavam fora de sala de aula à disposição de outros órgãos (com informações da assessoria de comunicação).

Senador Paim apresentará emenda para antecipar reajuste de 2012 O petista disse estar disposto a recuar somente se o governo discutir, paralelamente ao salário mínimo.

LUA CHEIA Hoje é dia de lua cheia. Passados 15 dias da Lua Nova, dizemos que a Lua está em oposição ao Sol. É Lua Cheia. Os raios solares incidem verticalmente sobre a Lua, iluminando 100% do hemisfério voltado para a Terra. O ângulo Sol-Terra-Lua agora é de 180 graus. Lua e Sol estão em lados diametralmente opostos do céu.

AS FASES As fases da Lua são registradas devido à posição relativa da Lua, Terra e Sol. A cada dia o Sol ilumina a Lua sob um ângulo diferente, à medida que ela se desloca em torno da Terra. Um ciclo completo leva 29 dias e meio e se chama mês lunar, lunação, revolução sinódica ou ainda período sinódico da Lua. IMPOSTO DE RENDA Uma das instituições que melhor aproveita a mídia durante as suas ações de alcance geral é a Receita Federal. Nesse período que antecede a declaração do Imposto de Renda Pessoa Física a instituição é levada (essa é a expressão) à mídia e ela prepara-se para esse momento. A declaração só começa no dia primeiro de abril e vai, este ano, até o dia 29 de abril. IPVA Já não se pode dizer o mesmo do IPVA, um imposto de competência do Estado e que é pago, na prática pelas mesmas pessoas que declaram o IRPF, de competência federal. Que tal uma visitinha das autoridades da Receita Estadual à Receita Federal do Brasil para ver qual é a estratégia utilizada pela RFB. FIDELIDADE A presidente Dilma Rousseff deve ter ficado muito mais satisfeita com o PMDB, partido do vice, do que com o PT, partido da titular (ela mesma). Senão vejamos: o partido de Michel Temer – PMDB – votou 100% na proposta do Governo; enquanto que o partido de Dilma Rousseff – PT – apenas 88,24% votou na mesma proposta.

Agência Brasil

A

liado da presidente Dilma Rousseff, o senador Paulo Paim (PTRS) vai apresentar emenda no Senado para aumentar o valor do salário mínimo para R$ 560. Apesar de integrar o partido de Dilma, que defende o valor de R$ 545, Paim é favorável ao aumento como antecipação de parte do reajuste que será concedido ao mínimo em 2012. “Se em janeiro vamos ter 14% de aumento no salário mínimo, por que não podemos antecipar 2,75% para subir aos R$ 560? Eu vou apresentar emenda neste sentido”, afirmou. O petista disse estar disposto a recuar somente se o governo discutir, paralelamente ao salário mínimo, mudan-

BastidoresdaNotícia

CURIOSIDADE Curiosamente, essa é a pior ocasião para observar a Lua ao telescópio, pois a luz do Sol que incide sobre o satélite quase não produz sombra, o que dificulta o reconhecimento de crateras e outros acidentes do terreno. A Lua Cheia é visível durante toda a noite, nascendo por volta das dezoito horas e se pondo às seis da manhã. Somente numa noite de Lua Cheia pode acontecer um eclipse lunar.

T

ramita na Assembleia Legislativa do Amapá o Projeto de Lei encaminhado no dia 14 de Fevereiro pelo governador Camilo Capiberibe, que solicita autorização para a abertura de novos contratos administrativos. A proposta foi lida no plenário durante sessão ordinária nesta quarta-feira, 16, e agora segue para análise das Comissões do Legislativo. A finalidade é contratar pessoal para as áreas da segurança pública, educação, saúde, informática e administrativa. A intenção do governo estadual é suprir a carência de pessoal temporariamente nestas áreas, enquanto se planeja a realização de concurso público. Em entrevista, por telefone, nesta quinta-feira, 17, à Rádio Difusora de Macapá, direto de Oiapoque, o governador Camilo Capiberibe adiantou que a proposta é abrir dois mil novos contratos administrativos, mas podendo chegar até no máximo 2.500. Este ano, o governo renovou 2 mil contratos. Foram mil para a educação e mil para a saúde. “Temos consciência da carência em vários setores, mas em hipótese alguma va-

Senador gaúcho, Paim é favorável ao aumento como antecipação de parte do reajuste que será concedido ao mínimo em 2012. ças no fator previdenciário e na política de reajuste dos aposentados, o que não está nos planos do Executivo neste momento. O PT vai tentar convencê-lo a mudar de ideia até quarta-feira, dia da votação do projeto com o reajuste do salário mínimo no plenário. Mesmo sem discutir punições para a eventual dissidência, o líder petista Humberto Costa (PE) disse esperar “reciprocidade” de Paim -que ontem foi indicado pelo

partido para presidir a Comissão de Direitos Humanos do Senado. “As portas da coordenação política do governo estão abertas para o PT. O senador Paim não é exceção. O escolhemos para presidir a Comissão de Direitos Humanos, esperamos a reciprocidade”, disse Costa. Mesmo com anunciadas dissidências, como a de Paim, o governo espera aprovar o salário mínimo de R$ 545 na próxima quarta-

A4

feira sem dificuldades no plenário do Senado. A ordem do governo federal é aprovar o mesmo texto que passou ontem pela Câmara, sem mudanças. Se o Senado mexer no texto, o projeto tem que voltar para nova votação pelos deputados. “Não vamos apresentar emendas ou procedimentos que façam com que o projeto volte para uma segunda votação na Câmara”, disse Costa.

A POLÍCIA E A LEI O delegado João Neto teve que explicar muitas vezes o motivo que o levou a soltar as cinco pessoas presas em uma operação realizada em um dos bairros da cidade, com resultado, inclusive, morte. O desejo de vingança de alguns populares avançou sobre alguns membros da imprensa que queriam justiça logo. O delgado João Neto tem que agir no limite da Lei, como todos os outros, delegados ou não. DECISÃO ADIADA Para os que esperavam a decisão do Pleno do Tribunal de Justiça do Estado do Amapá no julgamento do Agravo impetrado contra a decisão que manteve

a validade dos atos da deputada Maria Góes que resultou na eleição e posse do deputado Moisés Souza, o suspense continua. Os desembargadores, nove ao todo, oferecem um resultado de 4 x 3, favorável à aceitação do agravo, e ainda faltam votar dois desembargadores. O novo pedido de vista foi do desembargador Gilberto Pinheiro. Quarta-feira, dia 23, continua a votação. HORÁRIO DE VERÃO Domingo que vem, dia 20, termina o horário de verão. Apesar de não vigorar no Estado do Amapá, a população vai ter que se readaptar com vários horários. Agências bancárias, televisão, companhias aéreas, computadores, são orientados pelo horário oficial de Brasília e como Brasília vai antecipar uma hora nos relógios, os horários dos serviços também sofrerão esse ajuste. Para o amapaense – tudo volta ao normal. ESCOLAS ESTADUAIS São muitos os problemas que as autoridades responsáveis pelo setor de educação do Estado vão ter que enfrentar nos próximos dois meses. Falta de professores, falta de condições em algumas escolas, falta de merenda e mais uma série de dificuldades que são próprias das mudanças. Algumas pessoas que estão responsáveis para evitar isso, não sabem nem para onde fica; outras, simplesmente boicotam! NOVELA Desde quando o então deputado federal Lourival Freitas, querendo ser mais real que o rei, criou os problemas que prejudicaram 992 funcionários públicos que estavam trabalhando para a União, no Território Federal do Amapá, que se tenta recuperar a questão. A novela vai ter novos capítulos, como os parlamentares da atual legislatura federal. Enquanto isso Lourival Freitas não ganha eleição e os da lista do 992 não ganham o salário federal. CONFIRMADO Está confirmada para o dia 12 de março a reunião da Associação dos Clubes de Futebol Profissional do Estado do Amapá para a eleição da sua primeira Diretoria. Fundada no último dia 12 de fevereiro, a Associação inicia as suas atividades com 5 dos 12 clubes que disputam competições de futebol profissional na Federação Amapaense de Futebol. COPA DO BRASIL Para o Trem Desportivo Clube, representante amapaense na Copa do Brasil de 2011, a competição começa no dia 23 de fevereiro. O representante amapaense joga contra o Clube Náutico Capibaribe, no Estádio Glicério Marques, uma partida que não pode perder por dois gols de diferença, senão acaba a competição, para os amapaenses, no primeiro jogo. PREFEITO ROBERTO O prefeito Roberto Góes mostrou extrema serenidade e grande esforço emocional durante a entrevista coletiva que deu no final da tarde do dia 16, quartafeira, quando falou da sua volta e do que acha ter trazido de novo e pessoal para adotar no processo de gestão da Prefeitura.


Economia

Jornal do Dia

Editor responsável : Alessandra Lameira< Alessandra Lameira@hotmail.com

Diminui volume de cheques sem fundos em janeiro Segundo os economistas, essa menor taxa nos últimos seis anos divulgação

A5

Macapá-AP, sexta-feira, 18 de fevereiro de 2011

Empresário está menos otimista, aponta pesquisa

O

Folha Press

empresário industrial está menos otimista no começo desse ano. De acordo com pesquisa da CNI (Confederação Nacional da Indústria), o índice de confiança dos empresários do setor passou de 67,8 pontos em fevereiro de 2010 para 61,8 pontos neste mês. Na comparação com janeiro, a queda foi um pouco menor, de 0,2 pontos. Segundo a metodologia adotada pela CNI na pesquisa, o índice de confiança do empresário industrial utiliza uma escala de zero a cem pontos, sendo que resul-

tados acima de 50 pontos denotam otimismo e, abaixo desse patamar, pessimismo. De acordo com os técnicos da CNI, a queda na confiança é resultado do resfriamento da atividade econômica nos últimos meses. Na comparação com fevereiro do ano passado, o otimismo dos empresários está menor em todos os portes de empresas, em todas as regiões do país e nos ramos de atividade. A pesquisa da CNI foi realizada entre 31 de janeiro e 14 de fevereiro junto a 1.839 empresas, das quais 1.028 pequenas, 561 de médio porte e 250 grandes.

BB muda foco de expansão para o crédito

DIVULGAÇÃO

Substituindo o cheque pelo cartão de crédito, pode contribuir para novas quedas na devolução de cheques a partir de abril.

Folha Press

O

volume de cheques devolvidos foi de 1,70% no Brasil em janeiro, segundo divulgação de indicador da Serasa Experian de ontem. Esse percentual é o menor para o mês de janeiro desde 2005, quando índice de devoluções registrado foi

de 1,53%. Em dezembro, o índice ficou em 1,72% e, em janeiro de 2010, em 1,85%. Segundo os economistas da Serasa Experian, essa menor taxa nos últimos seis anos, para o mês de janeiro, é ainda reflexo da evolução favorável do mercado de trabalho durante 2010. Apesar desta queda em janeiro, a atenção agora fica voltada para

fevereiro e março, meses em que há maior pressão sobre o orçamento familiar, em razão do pagamento de impostos, como IPVA, IPTU e despesas escolares. A mudança no hábito de pagamento do consumidor, substituindo o cheque pelo cartão de crédito, pode contribuir para novas quedas na devolução de cheques a partir de abril.

ESTADOS- Em janeiro de 2011, Roraima foi o Estado com o maior percentual de cheques devolvidos (11,38%). São Paulo, por sua vez, foi o Estado com menor percentual (1,29%). Entre as regiões, a Norte foi a com maior percentual de devolução de cheques no primeiro mês do ano, com 3,80%. Na outra ponta do ranking está a Sudeste, com 1,39%.

Ministro diz que quer governo quer adaptar tabela do IR ao novo mínimo

DIVULGAÇÃO

Ministro das Relações Institucionais, Luiz Sérgio, disse que a aprovação dessa política até 2015 dá uma estabilidade

Com aumento dos salários, deverá subir também o limite de quem fica isento do fisco Portal R7

O

governo deve a reajustar a tabela do IRPF (Imposto de Renda da Pessoa Física) depois que for concluída a aprovação do novo valor do salário mínimo, de R$ 545, pelo Senado. A informação foi divulgada nesta ontem(17) pelo ministro das Relações Institucionais, Luiz Sérgio. Com o aumento do salário dos trabalhadores, é

SEBASTIÃO SOARES PONTES

Torna Público que requereu do Instituto do Meio Ambiente de Ordenamento Territorial do Amapá – IMAP a Licença de Operação (LO) para atividade de PISICULTURA, no Sítio Nossa Senhora do Perpétuo Socorro localizado no Bonito da Pedreira – Macapá. Não foi determinado estudo de impacto ambiental.

necessário elevar também o limite de renda de quem pode ficar isento de declarar o IR. Isso porque se só os salários sobem, o leão poderia morder o dinheiro de quem não tem renda ou bens suficientes para pagar tributos sobre eles. O ministro diz que aumentar a tabela do IR é questão de coerência. Em 2011, deve declarar quem tiver renda anual em 2010 de até R$ 22.487,25, ou de até R$ 1.873,94 por mês (quase 3,5 mínimos pelo novo valor). - Superada a fase do salário mínimo, nós iremos analisar e a predisposição do governo, que expressa a coerência que teve em relação ao salário mínimo, é também de reajustar a tabela do Imposto de Renda.

O ministro disse ainda que a aprovação na quarta-feira pela Câmara dos Deputados do salário mínimo de R$ 545 é de uma política de reajuste para o piso dá estabilidade ao país. - A aprovação dessa política até 2015 dá uma estabilidade, uma confiabilidade e expressa a seriedade do governo com as contas públicas. Segundo Luiz Sérgio, Dilma comemorou a vitória, a primeira de seu governo em uma votação polêmica. - A presidente evidentemente ficou contente, ficou alegre, muito satisfeita com a base aliada. Quero aproveitar a oportunidade para agradecer porque ela [a base] correspondeu à expectativa do país.

BB ocupa o quinto lugar no mercado em empréstimos para a aquisição e construção de imóveis.

Folha Press

A

s medidas de restrição ao crédito implementadas pelo Banco Central no fim de 2010 devem mudar ligeiramente o foco de expansão do crédito do Banco do Brasil neste ano. Segundo o presidente da instituição, Aldemir Bendine, a ideia do governo é reduzir o ritmo dos financiamentos ao consumo, enquanto os empréstimos para produção devem ganhar mais destaque. “Tivemos uma ligeira mudança de tendência para investimento no crédito produtivo”, afirmou, em São Paulo. Nessa categoria, disse, se enquadrariam os recursos direcionados a empresas também ao crédito imobiliário. “A presidente Dilma [Rousseff] nos pediu um direcionamento mais forte para o investimento privado. O Brasil precisa de uma puxada no investimento.” Atualmente, segundo Bendine, há R$ 85 bilhões em projetos de financiamento a empresas em análise pelo banco. Desses, o BB espera aprovar cerca de R$ 20 bilhões. As projeções do BB apontam para um crescimento entre 17% e 20% na carteira do banco neste ano. Em 2010, o crescimento de 19,1%, para R$ 358,4 bilhões, foi, novamente, o principal motor da elevação no lucro da instituição, que chegou a um recorde de R$ 11,7 bilhões. A expectativa do banco é que os financiamentos à pessoa física tenham alta entre 17% e 23%, enquanto a carteira de pessoas jurídicas cresceria entre 17% e 20%. “Teremos um pequeno recuo na carteira de pessoas físicas”, disse Bendine. No ano passado, o segmento cresceu 23,2%, chegando a R$ 113,1 bilhões. E essa desaceleração em função das medidas adotadas pelo BC já tem sido sentida pelo mercado, de acordo com o presidente do BB. Os desembolsos financia-

mentos para a compra de veículos -um dos alvos das ações do governo- do banco mostraram queda de 40% em janeiro, na comparação com o mesmo mês do ano passado, disse. “Janeiro e fevereiro já mostraram uma queda na demanda por financiamentos ao consumo.” Para Bendine, porém, esses empréstimos devem ter retomada gradual no segundo semestre, mas não no ritmo registrado em 2010. IMOBILIÁRIOAproveitando os estímulos ao crédito imobiliário, o banco quer dobrar sua carteira no segmento em 2011 -assim como fez no ano passado, quando passou de R$ 1,5 bilhão em financiamentos para R$ 3,4 bilhões. Hoje, o BB ocupa o quinto lugar no mercado em empréstimos para a aquisição e construção de imóveis. A meta é chegar pelo menos à terceira posição até 2014, de acordo com Paulo Rogério Caffarelli, vicepresidente de novos negócios do BB. Nos próximos anos, o banco pretende aumentar a participação dos financiamentos à construção em sua carteira. Hoje, segundo Caffarelli, apenas 15% dos empréstimos são feitos para construtoras. O objetivo é chegar a uma participação de empresas de 60%. “Começamos muito forte com pessoa física, agora fizemos convênios com as principais construtoras para emprestar para elas também. Você financia a construção e depois isso se converte em empréstimos à pessoa física”, disse. No âmbito do programa habitacional do governo, Minha Casa, Minha Vida, a meta do BB é de fechar, em 2011, cerca de 100 mil contratos, para pessoas com renda entre três e dez salários mínimos. O banco começou a financiar imóveis dentro do programa em setembro do ano passado e chegou ao final de 2010 com 16 mil contratos fechados.


Economia

Jornal do Dia

Editor responsável : Alessandra Lameira <Alessandra Lameira@hotmail.com

Macapá-AP, sexta-feira, 18 de fevereiro de 2011

Comércio diz que mínimo de R$ 545 vai manter consumo em alta em 2011

Estimativa é de que reajuste amplie em mais de R$ 14 bilhões os gastos dos trabalhadores Folha Press

O

aumento do salário mínimo para R$ 545 vai ajudar a manter o consumo das famílias aquecido em 2011. A estimativa da Fecomercio (Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de São Paulo) é a de que o reajuste no rendimento básico do país coloque mais de R$ 14 bilhões na economia (ou algo em torno de R$ 1,1 bilhão por mês no bolso dos consumidores, incluindo o 13º salário). Na avaliação de Fabio Pina, assessor econômico da instituição, a maior fatia desse aumento aparecerá na forma de consumo – com grande retorno para o comércio. Ele explica que quem vai sentir mais o aumento é quem

ganha menos. - Com a renda aumentando, as pessoas consomem mais. Quando falamos só de mínimo, falamos principalmente dos servidores públicos e da baixa renda. Quem ganha pouco não vai fazer poupança com isso. Então serão R$ 35 que vão para consumo. Ele explica que a Fecomercio fez as contas comparando com os valores do salário no ano passado, de R$ 510. Desde 1º de janeiro deste ano, o mínimo passou para R$ 545. Nesta quarta-feira (16), a Câmara dos Deputados aprovou o novo piso, de R$ 545, e o novo valor ainda precisa ser aprovado no Senado. Abram Szajman, presidente da Fecomercio, diz que a iniciativa privada já adota pisos superiores aos R$ 545 para seus trabalhadores. - Isto é significativo na elevação da capacidade de consumo das famílias de baixa renda. O aquecimento da economia interna é um fator que precisa ser considerado. A elevação do poder de compra, portanto, é positiva, já que não compromete o crescimento sustentável ou o controle da inflação no longo prazo.

Poprtal R7

A

capitalização da Caixa Econômica Federal e do BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimen-

to Econômico e Social) vai aumentar em cerca de R$ 130 bilhões a capacidade de empréstimos dessas duas instituições financeiras estatais. Ambas as instituições receberão o dinheiro em forma de ações da Petrobras e da Eletrobras, transferidas pelo governo para aumentar os fundos dos dois bancos. O aumento do capital social do BNDES e da Caixa foi autorizado por meio de decreto publicado nesta quinta-feira (17) no Diário Oficial da União. A Caixa receberá do Tesouro R$ 2,2 bilhões em ações da Petrobras e Ele-

Portal R7

Fecomercio diz que maior parte da alta do mínimo aumentará o consumo

Pina explica que só o salário mínimo não tem grande efeito na inflação. Ele aumenta, sim, a renda do trabalhador, que passa a consumir mais, faz aumentar a procura pelos produtos e reflete no aumento de preços. - Mas não é o salário mínimo que gera essa pressão. Há um aumento geral de renda no Brasil e há mais crédito disponível [o que também eleva o consumo]. A inflação não

aumenta só por causa do mínimo. Veja que os preços subiram no fim do ano passado, enquanto o mínimo ainda estava em R$ 510. A inflação, hoje, tem mais a ver com fatores como o custo dos alimentos no mundo, que estão batendo recorde de preços. Segundo Pina, passar o salário-base do país de R$ 510 para R$ 545 repõe o poder de compra do trabalhador em cerca de 1%.

É como se o preço da carne e do feijão, por exemplo, que subiu por causa da inflação, fosse compensado pelo reajuste do mínimo. - Para 2012 temos uma armadilha grande. Porque vamos crescer bastante [na economia] e o mínimo vai ter uma injeção de 7% a 8% a mais no poder de compra. Aí sim estaremos falando de um desequilíbrio no consumo e em inflação forte.

trobras, o que vai elevar em cerca de R$ 30 bilhões o potencial de empréstimos do banco. O BNDES receberá R$ 6,4 bilhões, o que ampliará em R$ 100 bilhões a capacidade de a instituição financiar as empresas por aqui. Segundo o vice-presidente de controle e riscos da Caixa Econômica Federal, Marcos Vasconcelos, o aporte de capital do Tesouro no banco já vinha sendo negociado desde o segundo semestre do ano passado. Vasconcelos afirmou que o aporte garante capacidade de a Caixa emprestar até 2014.

- Com o que temos hoje, sem a capitalização e no ritmo de crescimento de 30%, teríamos condições de expandir o crédito até 2012. Ele explicou ainda que como boa parte da alta de financiamentos da instituição foi no segmento de imóveis, que têm menor risco e exigem menor aporte de capital, o aporte de R$ 2,2 bilhões do Tesouro acaba gerando uma alavancagem maior na capacidade de crédito da Caixa. O BNDES apenas informou que a capitalização anunciada alavanca o Patrimônio de Referência da

instituição em R$ 10 bilhões, elevando em R$ 100 bilhões o potencial de financiamentos. Segundo a instituição, os recursos injetados não têm relação com os recursos prometidos pelo ministro da Fazenda, Guido Mantega, que serão emprestados pelo Tesouro ao BNDES. Nesse caso, trata-se fonte de recursos (funding) para financiamentos do banco, que têm que ser pagos ao governo, enquanto o decreto de hoje significa um aumento no patrimônio da instituição feito pelo controlador que eleva a capacidade de emprestar.

Mantega defenderá livre comércio de commodities Ministro participa da reunião do grupo que reúne as maiores economias mundiais, o G20

ministro da Fazenda, Guido Mantega, participa a partir de hoje (18) da reunião do grupo que reúne as maiores economias mundiais, o G20. O encontro ocorre em Paris e continua até o domingo (20). Hoje, Mantega participa de discussões do quadro

de avaliação mútua e será recebido pelo presidente da França, Nicolas Sarkozy. Paralelamente ao encontro do G20, vai ocorrer reunião entre os ministros da área econômica do Brasil, da Rússia, Índia e China (países que integram o Bric) com o objetivo de discutir propostas a serem levadas às mesas de trabalho do G20.

No sábado (19), serão discutidas questões sobre a reforma do sistema monetário internacional, commodities (matériasprimas com cotação em bolsas de valores), economia global e estrutura para o crescimento. Na última terça-feira (15), Mantega afirmou à imprensa internacional que o Brasil vai defender o livre comércio de com-

modities e vai se opor a qualquer esforço para adotar mecanismos de controle ou regulação sobre os preços praticados no exterior. Na reunião do G20, o ministro vai defender o estímulo ao aumento da produção para assegurar preços acessíveis. Outro assunto de interesse do governo brasileiro é a questão cambial.

capitais brasileiras onde é pesquisado na segunda leitura prévia de fevereiro, segundo dados divulgados nesta ontem (17) pela FGV (Fundação Getulio Vargas). A exceção foi Porto Alegre, onde a alta foi de 0,90% - contra 0,86% no início do mês. As altas nos grupos transportes e alimentação foram as que puxaram para cima o índice de preços na capital gaúcha. Brasília e Recife, por sua vez, empataram com o menor índice: alta de 0,50%. Na capital federal, os grupos educação, leitura e recreação e vestu-

ário foram os que menos pesaram no bolso do consumidor; já na capital pernambucana, os menores aumentos nos os grupos educação, leitura e recreação e transportes aliviaram a pressão no indicador. Em São Paulo, o índice ficou em 0,88% - consideravelmente abaixo do 1,30% visto no início do mês. A| desaceleração refletiu o efeito menor dos reajustes da tarifa de ônibus urbano (que em janeiro passou de R$ 2,70 para R$ 3), cursos formais e condomínio residencial. Os preços das roupas caíram e os das

frutas, que já apontavam leve queda, caíram ainda mais. Em Salvador o indicador ficou em 0,62% (contra 1,05% na abertura de fevereiro), com a desaceleração nos preços dos grupos educação, leitura e recreação e transportes. No Rio de Janeiro o avanço de 0,93% foi menor que o visto uma semana antes (1,24%), com o alívio nos preços nos grupos educação, leitura e recreação e alimentação. Em Belo Horiozonte, por sua vez, o aumento menor dos alimentos e a queda nos preços das roupas favoreceu o alívio

da pressão inflacionária. Na quarta-feira, a FGV apresentou o IPC-S geral para a segunda prévia deste mês; o indicador ficou em 0,82% - menor que o apresentado na semana passada (1,16%). Os reajustes nas mensalidades já exercem menos influência sobre o indicador, mas o maior alívio veio nos preços dos alimentos. Já os gastos com habitação pesaram mais. A apuração do IPC-S com dados coletados até o dia 22 deste mês será divulgada no próximo dia 23; já os resultados por capitais será divulgado no dia 25.

Poprtal R7

O

Preços desaceleram em seis de sete capitais Exceção foi Porto Alegre, onde a alta na 2ª prévia foi maior que na abertura do mês Poprtal R7

O

IPC-S (Índice de Preços ao Consumidor Semanal) desacelerou em seis das sete

Número de fusões de empresas no Brasil é o maior desde 2006 Em 2010, 143 negócios foram fechados, movimentando mais de R$ 184 bilhões no ano

Caixa e BNDES terão R$ 130 bi a mais para emprestar Governo autorizou transferência de ações de estatais para ampliar fundos dos dois bancos

A6

A compra da operadora de celular Vivo pela Portugal Telecom, a união entre Tam e a chilena Lan no setor aéreo, e o negócio entre Shell e Cosan na área de combustíveis foram as três maiores fusões empresariais de 2010. Juntos, esses acordos movimentaram R$ 44,2 bilhões e foram só a ponta do iceberg de R$ 184,8 bilhões gerado por todas as fusões e aquisições do ano passado. Esse total é o maior desde 2006. Segundo o balanço divulgado ontem (17) pela Anbima (Associação Brasileira das Entidades dos Mercados Financeiro e de Capitais), o ano de 2010 foi recorde para os negócios envolvendo compra de empresas. O valor registrado é 55% maior do que o de 2009 e 35% superior aos dados de 2007, ano recorde até então. Em números, foram 143 operações no ano passado. Em 2009, foram 95. Para Bruno Amaral, afirma o presidente do Subcomitê de Fusões e Aquisições da Anbima, o ano de 2010 representou uma mudança de patamar no setor de fusões e aquisições. Quase 1 em cada 3 movimentou mais de R$ 1 bilhão. - Os dois semestres do ano foram maiores do que qualquer outro semestre e a tendência é de continuidade. 2011 já começou forte e deve manter ou superar o volume registrado no ano passado. O ano passado foi marcado pela entrada de mais estrangeiros nos negócios do que brasileiros indo para fora ou fechando acordos entre empresas daqui mesmo. Em 2008 e 2009, o volume de aquisições entre empresas brasileiras representaram mais de 7 em cada 10 negócios. Em 2010, o destaque foram as compras de empresas brasileiras por estrangeiras. Foram 39 transações, com valor total de R$ 56,9 bilhões, ou 31% do volume.


Mundo

Jornal do Dia

Editora responsável : Túlio Pantoja < tuliopantoja@hotmail.com

Ciência-EUA: Decadência ronda setor em seu maior evento anual foto divulgação

Fonte Folhapress

O

maior encontro científico dos EUA e (ao menos por enquanto) do mundo começou ontem com uma mensagem desagradável: “Já não somos mais os mesmos’’. A palavra “declínio’’ está em todo lugar: nas entrevistas de Alice Huang, presidente da AAAS (Associação Americana para o Progresso da Ciência, responsável pelo congresso), no relatório de novembro da National Science Foundation e nos corredores do centro de convenções. Huang fala com expressão preocupada: “Temos de enfrentar os problemas recentes. Não podemos deixar a ciência e a educação irem embora deste país’’. Desde 1992, a fatia americana da produção científica mundial diminui ano após ano. Estima-se que, ainda nesta década, será ultrapassada pela ciência chinesa, que avança rapidamente. A ciência americana é atingida por problemas que o país todo enfrenta, como a ascensão de novas forças pelo mundo, como a China, desafiando a sua he-

gemonia, e a crise econômica. Mas existe um problema mais perverso do que esses, que coloca a ciência americana em um beco sem saída: os jovens mais brilhantes do país nunca desprezaram tanto a carreira acadêmica. Calcula-se que mais de 60% dos alunos de doutorado do país não são americanos. Nos melhores programas de pós-graduação, dependendo da área, esse valor pode se aproximar de 90%, lugares em que é preciso procurar muito para achar um nativo entre os montes de indianos e chineses. Para Jonathan Katz, físico da Universidade de Washington, os jovens americanos estão certos em desprezar as carreiras científicas. “Eu conheço mais pessoas cuja vida foi arruinada por um doutorado em física do que pelas drogas’’, brinca. Ele é o autor de um polêmico texto que há anos circula entre os físicos na internet. Katz parece ter captado o espírito do jovem promissor que foge da ciência: “Você está pensando em ser um cientista? Esqueça! Vá estudar

A palavra “declínio’’ está em todo lugar: nas entrevistas de Alice Huang, presidente da AAAS.

medicina, direito, informática. Ser cientista é divertido, mas depois precisará lidar com o mundo real.’’ As bolsas de pós-gra-

duação pagam mal: um doutorando em física da Universidade da Califórnia em Los Angeles, por exemplo, ganha US$ 1.700 por mês.

Nasa mostra explosão solar que não acontecia havia quatro anos

O

Observatório de Dinâmica Solar da Nasa registrou nesta semana imagens da mais forte explosão na superfície do Sol dos últimos quatro anos. A erupção, com muita radiação ultravioleta, foi emanada a partir de um ponto do Sol. O fenômeno, chamado de “X-flare’’ pelos cientistas, emitiu um intenso feixe luminoso em direção à Terra. As erupções devem

chegar à Terra nos próximos dias, causando aumento da atividade geomagnética no planeta. O BGS (Serviço Geológico Britânico, em inglês) chegou a emitir um alerta sobre a possibilidade de esse tipo de atividade radioativa afetar comunicações, navegação via satélite, redes elétricas e operações de aeronaves. Especialistas dizem que o Sol está “acordando’’, após anos de pouca atividade.

Monarquia do Bahrein abriga a base da Marinha dos EUA no golfo Fonte folhapress.com.br

A

importância estratégica do Bahrein -ilha no golfo Pérsico equivalente a metade da cidade de São Paulopara os EUA reside, entre outras coisas, no fato de o país abrigar a Quinta Frota da Marinha americana. A base tem sob sua responsabilidade patrulhar todo o golfo e entorno, chegando até o oceano Índico, em uma área que abrange 20 países, e abriga cerca de 20 mil oficiais americanos. Além disso, a Quinta Frota cumpre o papel de conter a presença do Irã no golfo, região responsável por 40% da produção de petróleo no mundo e dois terços das reservas e crucial para o comércio global do recurso.

Já a vizinha Arábia Saudita teme que os protestos liderados pela maioria xiita do Bahrein -e uma eventual deposição do regimemotivem um levante semelhante em seu território. Boa parte da minoria xiita da Arábia Saudita cerca de 15% da população- reside em regiões próximas do Bahrein, e muitos têm vínculos com os xiitas vizinhos -até 70% da população. Apoiadores do regime bareinita acusam os manifestantes de agirem como forças pró-Irã, visando a instituição de um governo simpático a Teerã ou que mantenha boas relações. Governado há dois séculos pela família do rei Hamad bin Isa al Khalifa, o Bahrein foi até os

Macapá-AP, sexta-feira, 18 de fevereiro de 2011

Estupro de repórter vira rixa política nos EUA Fonte folhapress.com.br

O

brutal episódio do espancamento e estupro por um grupo de egípcios da repórter da rede americana CBS Lara Logan virou febre na internet e assumiu contornos políticos e até racistas nos últimos dias nos EUA. Cercada por 200 homens, Logan foi separada de sua equipe e atacada na sexta passada na praça Tahrir, no Cairo, onde cobria a queda do ditador Hosni Mubarak. A reação mais polêmica até agora foi do repórter free-lancer e até então professor da prestigiada Universidade de Nova York Nir Rosen. Em seu Twitter, ele disse que, já que Logan “estava para se tornar uma mártir glorificada, devemos nos lembrar de seu papel como grande “defensora de guerras’ (...) Provavelmente, foi apalpada como milhares de outras’’. Pouco depois, disse estar “revirando os olhos com a atenção que [Logan] vai receber” pelo estupro e que, se ela não fosse branca, ninguém ouviria falar do ataque. Depois, Rosen se desculpou no Twitter, mas não foi suficiente. Ele se demitiu de seu posto na NYU e perdeu um emprego de consultor. Não foi o único. Inúmeros blogueiros sugeriram que Logan foi culpada pelo ataque e assumiu o risco como mulher, “loira ainda por cima”. Outros usaram o episódio para criticar o Egito e

A

lhão de pessoas, sendo 700 mil locais e o resto estrangeiros, muitos sunitas que recebem incentivos e empregos do governo. Nos últimos anos, o país tem tentado se firmar como centro financeiro do Oriente Médio e destino para investimentos e turistas ocidentais, como ao receber GP da Fórmula 1 a partir de 2004.

os muçulmanos. Na Fox News, o apresentador de ultradireita Glenn Beck usou o estupro para justificar sua teoria de que o Egito cairia no caos. A radialista e blogueira conservadora Debbie Schlussel foi além e disse que o ataque “aquecia seu coração”. “Não me incomoda nem um pouco que repórteres que dizem que muçulmanos e o islã são pacíficos recebam uma dose da “paz’ real deles. (...) Espero que esteja gostando da revolução, Lara! Isso nunca aconteceu quando Mubarak tratava seu país de selvagens da única forma como podem ser controlados.” Muitos culpam a CBS por enviar Logan ao Egito no meio da tormenta. O blog GatewayPundit chegou a sugerir institucionalizar a discriminação, limitando a atuação de jornalistas mulheres a ambientes “seguros’’. Acredita-se que respostas do tipo motivam as pouquíssimas denúncias de repórteres atacadas sexualmente. Um artigo de 2007 publicado na revista de jornalismo da Universidade Columbia afirma que abusos são comuns em locais como zonas de guerras, mas mulheres temem falar a respeito por medo de ser consideradas mais fracas que colegas homens. Mas o Comitê de Proteção de Jornalistas alerta que abusos contra repórteres e ativistas homens também são disseminados em vários lugares, como Irã e Paquistão.

Protesto-Líbia: Confrontos deixam ao menos quatro mortos Fonte Folhapress

anos 70 um protetorado britânico. Habitam n o país cerc a d e 1,3 mi-

A7

o menos quatro pessoas morreram ontem na cidade de Beyida, na Líbia, durante enfrentamentos entre as forças de segurança e manifestantes contrários ao ditador Muammar Gaddafi, segundo a oposição e ONGs (Organizações Não Governamentais). As mortes ocorreram no que está sendo chamado de “Dia da Fúria” contra o regime líbio. “As forças de segurança e as milícias dos comitês revolucionários dispersaram a tiros uma manifestação pacífica de jovens na cidade de Bayida, provocando pelo menos quatro mortes e deixando vários feridos”, afirma um comunicado da Libya Watch, uma organização de defesa dos direitos humanos baseada em Londres. Portais da oposição, entre eles o Libia AlYoum, também com sede em Londres, informaram o mesmo balanço de quatro manifestantes mortos a tiros. Ativistas usando redes sociais como o Facebook e o Twitter convocaram para hoje manifestações antigoverno. A data foi escolhida porque hoje se cumpre o quinto aniversário de um confronto entre manifestantes e forças de

segurança diante do consulado italiano de Benghazi que deixou vários mortos. Desde ontem, protestos têm sido registrados em Beyida e na segunda maior cidade líbia, Benghazi. Autoridades confirmaram que duas pessoas morreram e 40 ficaram feridas. Os Estados Unidos pediram que o regime do ditador Gaddafi, há 42 anos no poder, assim como os de outros países atingidos por protestos, atendam às demandas sociais. “Os países da região têm o mesmo tipo de objetivos em termos demográficos, aspirações do povo e necessidade de reformas”, disse em coletiva de imprensa o porta-voz do Departamento de Estado americano, Philip J. Crowley. “Estimulamos estes países a tomar ações específicas que respondam às aspirações, necessidades e esperanças do povo. A Líbia certamente está nessa categoria”, completou o portavoz. Em 2008, Washington enviou um embaixador à Líbia pela primeira vez desde 1972, depois que ambos os governos normalizaram suas relações bilaterais após a compensação econômica líbia às vítimas americanas de um ataque terrorista ocorrido na década de 1980.


EstiloVip

Jornal do Dia

Eunice Pereira < eunicepereira@jdia.com.br

Macapá-AP, sexta-feira, 18 de fevereiro de 2011

Campus Binancional em Oiapoque

O

governador Camilo Capiberibe participou na terça-feira, 15, na cidade de CaienaGuiana Francesa, da assinatura do protocolo de cooperação técnica-científica com o Instituto de Pesquisa e Desenvolvimento (IRD), a Universidade das Antilhas e Guiana (UAG) e a Universidade Federal do Amapá (Unifap), que garante

a construção do Campus Binacional, em Oiapoque. A ideia do Campus Binacional do Oiapoque nasceu do Plano de Ação FrancoBrasileiro da declaração conjunta dos governos da França e do Brasil, assinado em São Jorge do Oiapoque, em 12 de fevereiro de 2008. As obras do Campus Binacional estão previstas para iniciarem em março.

C4

A oficina de trabalho Integrando a Gestão

F integrando a gestão. Nilza Rosa, Evandro Gama, Carmem Gilona, Celina Telma, Helem Holanda, Amerson Maramaude, Rai Madureira, Frank Benjamin, Regiclaudo Silva e Samuel Spener. Contabilizam o sucesso do evento!

inalizou na quintafeira (17) no Centro Cultural Franco Brasileiro, a Oficina de Trabalho Integrando a Gestão, realizada pela Secretaria de Estado da Saúde, que reuniu trabalhadores da saúde de diversas aéreas de atuação. Presente ao evento o secretário de Saúde Evandro

Gama e os adjuntos Regiclaudo Silva e Frank Benjamim, participaram de todas as etapas do encontro de dois dias, que pontuou as principais prioridades na gestão sob o olhar do pacto pela saúde, avaliação das ações de 2010 e a programação para 2011.

Hoje tem “BRANCA NO SAMBA”

C tim tim. Jornalista Alcinéa Cavalcante troca de idade no sábado(19). Fica o registro e o carinho desta colunista com votos de felicidades e vida longa!

Poesia na boca da noite

om um repertório mesclado composições de sambistas renomados da música brasileira, ANA MARTEL volta ao Armazen Beer nesta sexta-feira (18) com o show “BRANCA NO SAMBA”.“Quem não viu, vai ver que nunca levou fé”, canta Ana Martel na música que dá nome ao show, uma composição de Biratan Porto, Paulo Moura e Marcelo Sirotheau e, desta forma, convida seus admiradores para uma noite de samba em todas as suas vertentes. Para completar a performance a banda-base é formada pelos músicos Huan Moreria (percussão) Ian Moreira (contrabaixo) Higo Moreira (cavaquinho) Valério de Lucca (bateria) Lucas Borges (piano) e Mexicano (violão).fonte: Sônia Canto

E

O

branca no samba. Ana Martel volta ao Armazen Beer nesta sexta-feira (18) com o show “BRANCA NO SAMBA”.“

Parabéns Adalgiza Lacerda

Integrando a gestão. Consultora Nelma Setubal,ladeada por servidores da SESA durante a Oficina de Trabalho Integrando a Gestão.

O

s parabéns especialíssimos vão hoje para minha sogra Adalgiza Lacerda que troca de idade. Viúva de Ailo Pimentel, com que teve quatro filhos (Adenize, Concita, Ronaldo, Sabatião e Socorrinho) e avó de cinco netos ( Danilo, Danieli,Aline, Eloan e Luana), será logo mais homenageada com o especial carinho de familiares e amigos.Católica apostólica fervorosa acompanha no silêncio das orações os passos de seus filhos, netos e de muitos amigos. Um grande beijo e feliz aniversário

Carreira Diplomática ncerram-se em 22 de fevereiro de 2011, as inscrições do Concurso de Admissão à Carreira Diplomática. As informações estão contidas no Edital de 17 de janeiro de 2011 do Instituto Rio Branco (IRBr) do Ministério das Relações Exteriores (MRE). A remuneração inicial, como Diplomata Nível Terceiro Secretário, no Brasil, é de R$ 12.962,12 (Doze Mil Novecentos e Sessenta e Dois Reais e Doze Centavos).São ofertadas 26 (vinte e seis) vagas, sendo 2 (duas) vagas reservadas aos candidatos portadores de deficiência.As inscrições somente poderão ser realizadas por via internet, no endereço eletrônicowww.cespe.unb.br/concursos/diplomacia 2011. Em Macapá-AP, os candidatos que não dispuserem de acesso à internet, o CESPE/UnB disponibiliza acesso à internet no Cyberplay Informática e Serviços, localizado na Rua General Rondon, nº 1.476, Loja 17, Bairro Centro, Macapá-AP.

projeto “ Poesia na boca da noite”desta sexta-feira (18), acontece na Praça da Bandeira, das 17h às 18h. Aqueles que gostam de poesia poderão deleitar-se com belas declamações. Por lá deverá estar Ademir Pedrosa o Rostan Martins, Alcinéa Cavalcante, Dora, Márcia Correa e outros amantes da poesia.

Rainha das rainhas. Esta colunista e Socorro Marinho, organizadora do mais tradicional concurso de beleza da cidade o Rainha das Rainhas do Carnaval. Todos os anos ela apresenta uma novidade.O grande evento será no dia 26 de fevereiro e abre oficialamente a quadra carnavalesca de Macapá. Sucesso!

Simpatia. As jornalistas Belissa e Tanha

Esquentando os tamborins Momento cultural. O músico Oséas, alegrou o final de tarde dos participantes durante o momento de relaxamento da Oficina Integrando a Gestão. Repertório seletissímo recheado de MPA e MPB, arramcou efusivos aplausos e elogios .Parabéns!

P

reparando os tamborins para o carnaval 2011, o Monobloco realiza quatro ensaios abertos a partir de amanhã, na Fundição Progresso, no Rio de Janeiro. E na estreia das apresentações, a Hering, marca que é responsável pela criação do figurino do grupo, recebe convidados especiais em seu camarote. A lista está sob o comando de Priscila Borgonovi e está causando um verdadeiro frisson entre os admiradores do repertório do Monobloco. Cássio Reis, Bruno Mazzeo, Alexandre Slaviero, Guilheme Winter, Barbara Borges, Juliana Didone, Marcelo Serrado, Daniel Erthal e Marcos Pitombo, já confirmaram presença. Fonte: Andressa Bregalanti


DiaDia

Jornal do Dia

Editor responsável : Marcelle Corrêa < marcellecorrea@jdia.com.br

B1

Macapá-AP, sexta-feira, 18 de fevereiro de 2011

Sindeppea denuncia demissão em massa do Programa Saúde da Família A equipe de reportagem do Jornal do Dia tentou entrar em contato com a assessoria de comunicação da Prefeitura de Macapá durante todo o dia de ontem, porém não foi recebida Franck Figueira Da reportagem

O

presidente do Sindicato dos Profissionais do Programa de Agentes Comunitários de Saúde do Programa Saúde da Família - PACS PSF (Sindppea), Paulo Martins, quer reunir com o prefeito Roberto Góes para saber o real motivo das demissões em massa ocorrido nos últimos dias com profissionais do Programa Saúde da Família. Segundo Paulo, os profissionais foram pegos de surpresa com as exonerações. Para o sindicalista, a única justificativa anunciada pela PMM era o enxugamento da folha municipal, porém, o Sindppea não vê motivos para as demissões. “Teve profissionais que retornaram das férias e já havia a carta de demissão, entendemos o momento difícil da PMM, mas as exonerações não deveriam acontecer, principalmen-

te na área da saúde”, conta. Martins revela que existe um acordo nesse sentido, firmado em reunião com o prefeito. Entretanto, o que foi decidido por Roberto Góes foi demitir apenas os profissionais com vínculos com a Prefeitura e PSF. “Foi nos repassado que somente os profissionais com vinculo poderiam sair, mas estamos surpresos com as demissões, mas hoje mesmo já mandamos um oficio para o gabinete do prefeito para uma reunião”, ressalta Marins. Até o momento nove médicos já foram exonerados, técnicos e enfermeiros, totalizando mais de dez profissionais. De acordo com Paulo, alguns profissionais foram demitidos por perseguição política. “Os próprios profissionais revelam isso, o que está acontecendo é isso mesmo, mas diante dos fatos e o retorno do prefeito Roberto Góes tudo será esclarecido e esperamos respostas exatas

Heverton Mendes / JD

para essa situação”, define. Defasado Na ocasião, o sindicalista informou que a situação salarial dos profissionais do PSF continua a mesma, sem aumento há dois anos. O INSS é recolhido do salário dos profissionais, mas não é repassado para o órgão federal. A mesma coisa acontece com os empréstimos consignados. O município recolhe a quantia da folha de pagamento, porem, não repassa aos bancos. “A classe luta há anos por essas questões, o nosso salário esta defasado, e existe uma série de irregularidades para serem revistas, mas esperamos sentar e discutir mais uma vez com a gestão da nossa situação”, finaliza Paulo Martins. A equipe de reportagem do Jornal do Dia tentou entrar em contato com a assessoria de comunicação da Prefeitura de Macapá durante todo o dia de ontem, porém não foi recebida.

Segundo Paulo, os profissionais foram pegos de surpresa com as exonerações. Para o sindicalista, a única justificativa anunciada pela PMM era o enxugamento da folha municipal

EMTU faz manutenção de semáforos defeituosos na cidade Os trabalhos foram coordenador pelo diretor Jair Andrade. Três cruzamentos tiveram resolvidos os problemas de funcionamento Heverton Mendes / JD

A

Empresa Municipal de Transportes Urbanos (EMTU) mobilizou uma equipe na manhã desta quinta-feira (17), para colocar em funcionamento todos os semáforos que apresentaram defeito nos últimos dias. De acordo com o setor de engenharia da empresa, os defeitos foram decorrentes principalmente das constantes quedas de energia e apagões ocorridos nos últimos dias, e noticiados pela CEA e Eletronorte. Os trabalhos foram coordenador pelo próprio diretor Jair Andrade. Três cruzamentos tiveram resolvidos os problemas de funcionamento dos semáforos: Padre Julio com Paraná, Leopoldo com Pedro Lazarino e Hamilton Silva com Avenida FAB. De acordo com Jair Coelho, outros semáforos estão recebendo manutenção preventiva para evitar panes futuras.

Rurap dialoga com produtores do Território da Cidadania Sul

A

companhado de sua equipe técnica, o diretor presidente do Instituto do Desenvolvimento Rural do Amapá (Rurap), Max Ataliba, esteve reunido no município de Laranjal do Jari na ter-

Conselho de Cultura do Amapá chega em caravana ao Laranjal do Jari Durante o trajeto, os conselheiros pararam para ouvir histórias contadas pelos nativos da região do Vale do Jari, colheram informações valiosas e registraram belas paisagens do lugar

D

De acordo com o setor de engenharia da empresa, os defeitos foram decorrentes principalmente das constantes quedas de energia e apagões ocorridos nos últimos dias

ça-feira, 15, com produtores do Território da Cidadania Sul (Laranjal do Jari, Vitória do Jari e Mazagão). O encontro contou com as presenças da prefeita Euricélia Cardoso, do prefeito de Mazagão, José Carlos Correa de Carvalho (Marmitão) e demais lideranças de cada região. Foi a primeira reunião para discussão e elaboração do Plano Territorial de Desenvolvimento Rural Sustentável, plano que conta com o apoio institucional do Ministério do De-

senvolvimento Agrário (MDA). A manutenção de um canal permanente de diálogo do governo com produtores rurais, prefeitos e lideranças locais será para discutir e desenvolver as vocações de cada região. Houve também discussão e pontuação de linhas de atuação para o desenvolvimento do Território Sul da Cidadania, uma das prioridades do encontro. Debates e encaminhamentos para combater entraves ou gargalos que im-

peçam o crescimento real de cada comunidade agrícola estiveram na pauta da agenda de discussão. O Rurap firmou parceria com a prefeita de Laranjal do Jari, Euricélia Cardoso, para executar no final desta segunda quinzena de Fevereiro o Programa de Aquisição de Alimentos (PAA), do governo federal. Haverá contrapartida do governo estadual. A mesma atenção será dada aos municípios de Mazagão e Vitória do Jari (assessoria de comunicação).

epois de percorrer 8 horas pela péssima BR 156 que liga o sul do Amapá a capital Macapá, o Conselho Estadual de Cultura chegou ao Laranjal do Jari para realizar audiência pública, que vai criar a Secretaria de Cultura, o Conselho, o Fundo, o Plano e o Sistema Municipal de Cultura de Laranjal do Jari. “A viagem é longa e cansativa, mas a beleza em seu percurso tira o estresse e nos deixa a vontade com a natureza em plena selva amazônica”, exclamou João Porfírio, presidente do Conselho Estadual de Cultura. Durante o trajeto, os conselheiros pararam para ouvir histórias contadas pelos nativos da região do Vale do Jari, colheram informações valiosas e registraram belas paisagens do lugar. Cruzaram sobre um sítio arqueológico dentro da reserva extrativista do Cajari que corta a BR 156, com que fez o

Iphan enviar ao local pesquisadores para fazerem escavações para novas descobertas e enriquecerem nossa história sobre os ancestrais que residiram no local a muitos anos atrás. Ontem (17) os conselheiros juntamente com várias autoridades e convidados, visitaram a primeira Igreja Católica construída pelo Vaticano na região, localizada na comunidade de Santo Antônio, depois seguiram até a casa do Coronel José Júlio, que segundo historiadores foi o maior extrativista de Castanha-do-Pará no Laranjal do Jari e por isso era chamado de Coronel. Depois a comitiva foi para conhecer outros sítios arqueológicos existentes na região e encerraram o dia com um grande evento cultural em uma casa de show, com apresentações musicais de Cleverson Baia, Zé Miguel e artistas locais (com informações da assessoria de comunicação).


Dia-Dia

Jornal do Dia

Editor responsável : Marcelle Corrêa < marcellecorrea@jdia.com.br

Macapá-AP, sexta-feira, 18 de fevereiro de 2011

BRPM acaba com os dias de folga de “Madruga” “Madruga” foi apresentado, ele teria fugido no dia 9 deste mês do Centro Sócio Educativo Masculino Heverton Mendes / JD

Franck Figueira Da reportagem

C

om uma atuação implacável contra a criminalidade na Capital nos últimos dias, o Batalhão de Rádio Patrulha da Policia Militar (BRPM) conseguiu prender o assaltante Wellisson Furtado Vieira, vulgo “Madruga”. Segundo o sargento M. Aurélio, comandante da VTR 0608, informou que a guarnição já tinha informações de alguns assaltos praticados pelo criminoso, além de detalhes sobre seu paradeiro. Tudo começou quando os militares foram acionados para atender uma ocorrência no bairro do Muca, onde foragidos do IAPEN estariam em uma residência, porém, os policiais não obtiveram êxito. Contudo, ao sair do bairro, a guarnição foi informada que próximo ao Laurindo Banha, “Madruga” estaria as proximidades. Os policiais então identificaram o assaltante e deram voz de prisão. Wellison ainda tentou fugir, mas em vão. Os militares o levaram para um reconhecimento de uma vitima do criminoso, que foi assaltado na semana passada. “Não tenho duvidas nenhuma foi ele mesmo que me assaltou, ele estava com um revolver e levou meu celular e a renda do dia. Graças a Deus esse cara não me feriu, mas tenho certeza que foi ele”, conta o co-

F

oram presos na tarde de quarta-feira, 16 dois traficantes, Paulo Rodrigo Souza da Silva popularmente conhecido como “caçula” e Jocimar do Espírito Santo Brito, apelidado de “marzinho”. Os agentes da Delegacia Especializada de Tóxicos e Entorpecentes (DTE) sob o comando do delegado

MAIS UM CICLISTA MORRE VÍTIMA DE ACIDENTE DE TRÂNSITO Morreu por volta das 15h40min de ontem, no H.G.M, o AGUINOR MONTE DE SOUZA, 42 anos, que residia no Goiabal. Ele foi vítima de acidente de trânsito, ocorrido no final da madrugada do dia 1º de janeiro último, quando pedalava uma bicicleta e foi atropelado por um carro de passeio, cujo condutor fugiu em alta velocidade, e até hoje, não se sabe de quem se trata.

Morreu ontem no início da tarde, atropelado pela própria carreta em que trabalhava, o WELLINGTON DA SILVA OLIVEIRA, 38 anos, que residia em Santana, na Rua W. Cavalcante, Provedor I. Esse acidente ocorreu em uma área de pinho, num ramal da BR-156, no Km 70, quando o motorista da carreta dava ré e acabou atropelando a vítima que estava distraída. A vítima morreu no local, sem tempo de ser socorrida. COLISÃO ENTRE MOTO E BICICLETA MATA O CICLISTA

No momento da sua prisão, o criminoso se mostrou agressivo, inclusive, ameaçando e xingando as equipes de reportagens presentes no momento de sua apresentação

merciante. Outra informação repassada pelo SGT M. Aurélio, é que outra vitima reconheceu “Madruga” em mais uma ação criminosa. Desta vez, um assalto a uma sapataria no Centro da cidade. “A vitima o reconheceu, mas ficamos sabendo que ele é autor de vários assaltos naquela área da zona sul, o importante que ele foi reconhecido

titular Antônio Uberlândio de Azevedo Gomes prenderam os traficantes no bairro do Pacoval, mais precisamente, na Av. Ceará. De acordo, com informações da DTE Paulo Rodrig Souza da Silva e Jocimar do Espírito Santo Brito foram pegos em flagrante com uma quantidade de meio kilo e cinquenta de crack. Ainda segundo informações do DTE a dupla de traficantes estava sendo investi-

Unifap tomará providências quanto aos assaltos no campus Marco Zero

C

Ronda Policial João Bolero da 99,1 FM

CARRETA MATA FUNCIONÁRIO DA PRÓPRIA EMPRESA

pelas vitimas, e com certeza mais gente deve aparecer como viitmas”, disse o SGT. De acordo com informações colhidas no Ciosp do Pacoval, onde “Madruga” foi apresentado, ele teria fugido no dia 9 deste mês do Centro Sócio Educativo Masculino (CESEM). Wellisson foi detido quando era menor de idade, e acusado de ter praticado

um homicídio na época. Hoje, com 20 anos de idade, “Madruga” deve responder seus crimes de assaltos no Instituto de Administração Penitenciária (IAPEN). No momento da sua prisão, o criminoso se mostrou agressivo, inclusive, ameaçando e xingando as equipes de reportagens presentes no momento de sua apresentação.

Equipe da DTE efetua prisão de dois traficantes Lívia Almeida Da reportagem

B2

om o retorno das aulas na Universidade Federal do Amapá (UNIFAP), uma antiga preocupação dos alunos da universidade também volta a costumeira onda de assaltos no prédio do Campus Marco Zero. Segundo, o prefeito do campus Marco Zero, Daniel Romeiro os roubos mais comuns são de carros e motos. “De assalto, na maioria dos casos, é roubo de veículo e de moto, muito roubo de moto”. Com os roubos, acadêmicos se sentem inseguros. Os casos de roubo geralmente acontecem na parte de trás da universidade, na área mais próxima do muro, onde existe um matagal. “Temos aqui uma mata, na parte de trás da UNIFAP, que vai até o muro, que muito meliante se enfia aí”, confirmou o prefeito. A exemplo disso houve um caso de um aluno que foi assaltado

gada pelos agentes há um mês e na noite desta quarta-feira passaram a fazer o monitoramento da boca de fumo aonde os dois se encontravam. Foram encontrados no local balões contendo crack, além de relógios, aparelhos de celular, tesoura e o material que os traficantes utilizavam para fabricar a droga. Somando aos achados houve também a apreensão de uma quantia de

durante o horário de meio dia, foram levados dele notebook, além de outros pertences. “Houve um caso de assalto aqui que repercutiu bastante, que foi um aluno que estava sozinho por volta de meio dia no bloco de biologia. É, só que foi o seguinte, meio dia a UNIFAP está muito vazia, todo mundo sai pro almoço e esse aluno tava pertinho da mata com notebook, com uns aparelhos eletrônicos no colo acessando internet, como é de direito dele. Só que a gente não pode deixar se desligar, é um perigo que se corre. Nessa área no pólo aqui da UNIFAP não tem casos desses, só nessa parte que fica mais próxima ao mato”, relatou Daniel. De acordo com ele, as pessoas que praticam roubo dentro do campus entram por um buraco que foi feito no muro, várias vezes este buraco já foi tapado, mas sempre é aberto. “Eles quebram muro, a gente tapa, eles quebram, a gente tapa, eles quebram”. Na tentativa de coibir estes assaltos a UNIFAP vem tomando providências quanto á segurança dentro do prédio. “Estamos tentando viabilizar uma estrada jun-

R$ 100. Um dos traficantes, que estava em regime de prisão domiciliar, “caçula” já havia sido condenado a oito anos por tráfico de drogas. De acordo com a equipe de policiais, no momento da prisão “marzinho” estava portando um relógio que, foi reconhecido pelo dono, um Sargento da PM. Após a prisão, os dois foram encaminhados ao IAPEN.

to ao muro pelo lado de dentro da UNIFAP para poder fazer o patrulhamento, só que isso exige recursos e a UNIFAP está correndo atrás de disso. Temos também a ideia de colocar um alambrado que dificulte o acesso deles as salas de aula, separando as salas da mata”. Além disso, câmeras também serão instaladas ao longo do campus. Por ora, a única segurança mais próxima presente é a da Polícia Militar, que faz o policiamento em frente à universidade. Por ser um órgão federal, este não é de responsabilidade do estado e, por consequência, sua segurança também não. Ainda assim, viaturas fazem ronda na Rodovia JK 24hs por dia. Daniel Romeiro recomenda que os alunos não exponham qualquer bem e que também evitem a parte próxima ao muro da entidade. Caso aconteça o roubo ele explica qual o procedimento tomado pela universidade: “Recomendamos que os alunos roubados se dirijam à polícia, que abram um boletim de ocorrência e que se faça a investigação que a UNIFAP coopera no que puder”, respondeu. (Lívia Almeida)

Esse grave acidente aconteceu por volta das 00h10min de hoje, quando o ciclista JOSÉ SEIXAS PANTOJA TOMÉ, 33 anos, pedalava uma bicicleta no Bairro Jardim Marco Zero e foi atravessar a Av. Ivaldo Veras, sendo atropelado violentamente por uma moto, morrendo na hora. A moto era pilotada por ALDAIR DA SILVA ALVES, 22 anos, que caiu no asfalto e encontra-se em estado grave no H.E, assim como, a passageira da moto ALINE DA SILVA LEAL, 19 anos. POLÍCIA PRENDE UM DOS LATROCIDAS QUE MATOU UM TAXISTA EM DEZEMBRO DO ANO PASSADO De posse um mandado de prisão expedido pela Justiça do Estado, agentes da Polícia Civil, lotados na DCCP, Comandados pelo Del. Alan Moutinho, prenderam na quarta-feira passada, em uma casa, numa área de ponte no Muca com Conjunto Laurindo Banha, o JONATA DAVID CAVALCANTE SANTANA, 19 anos, um dos acusados de ter assaltado e assassinado o taxista PAULO WILLIAN SOUZA BRAGA, 35 anos. Após ser preso, o mesmo confessou a participação no latrocínio, mas disse, que não conhece seus colegas de crime. Segundo ele, o assalto foi planejado logo após eles saírem de uma festa, onde haviam acabado de ser conhecer. O JONAS segiu ontem mesmo para o IAPEN. TRAGÉDIA

NO

MUNICÍPIO

DE

CHAVES

Como noticiamos ontem, uma embarcação na tarde de sexta-feira, naufragou e quatro pessoas da mesma família morreram. Fato ocorrido na Comunidade de Ilha Mexiana, em Chaves/PA. Os corpos foram resgatados na terça-feira última, e sepultados pela parte da tarde, as vítimas foram: OSVALDO RODRIGUES ROCHA (pai), MAURO RODRIGUES ROCHA (filho), SILVIA CRISTINA SOUZA ROCHA (nora) e o neto de OSVALDO ROCHA. POLÍCIA CIVIL APREENDE QUASE 1 KG DE CRACK NO PACOVAL Policiais da Delegacia de Tóxico e Entorpecentes, já vinham na cola de uma dupla que traficava drogas em uma Kitnete, na Av. Ceará, Pacoval. Por volta das 17h50min de ontem, eles deram o bote e pegaram no flagra, o JACIMAR DO ESPÍRITO SANTO BRITO, 27 anos, “Mazinho” e o PAULO RODRIGO DA SILVA, 25 anos,” Caçula”. Com eles os canas apreenderam 20 cabeças de crack, 33 envelopes da mesma droga e aproximadamente 1 kg de maconha, além de 8 celulares, 2 relógios e R$ 100,00. Os dois já foram para o IAPEN.


DiaDia

Jornal do Dia

Editor responsável : Marcelle Corrêa < marcellecorrea@jdia.com.br

B3

Macapá-AP, sexta-feira, 18 de fevereiro de 2011

Lixo plástico toma conta de área de ressacas e poder público não faz nada Praticamente todo o lixo doméstico é jogado no lago, na grande maioria, garrafas de plásticos Franck Figueira Da reportagem

V

iver em áreas de ressaca é um desafio que milhares de famílias amapaenses enfrentam no dia a dia. Crianças não possuem espaço para brincar, arriscam a vida correndo sobre as pontes de madeiras. Não existe iluminação pública, água tratada e acesso a serviços básicos, como limpeza. “Aqui vivemos esquecidos de todos, não temos espaço para nada, as casas servem apenas para nos abrigar e só”, disse a ambulante Ana Soares, moradora de uma invasão no bairro do Muca. O ambiente é de total desorganização, casas fincadas no quintal de outras residências são comuns nesses locais. E o número de moradores cresce a cada dia. Acredita-se qu mais de 20 mil pessoas moram em áreas de ressaca em Macapá. Praticamente todo o lixo doméstico é jogado no lago, na grande maioria, garrafas de plásticos

e muito plásticos. Em uma área de invasão no bairro do Muca, o acúmulo de lixo chama a atenção. “É vergonhoso isso, mas os próprios moradores são responsáveis por essa sujeira, mas o poder público também tem a sua parcela de contribuição, nem sequer visitam esse local, não existe nenhum tipo de ação de limpeza, a secretarias de meio ambiente não fazem nada”, conta a professora Rosangela Furtado. De acordo com informações da Secretaria Estadual de Meio Ambiente (Sema), as áreas de ressaca exercem a função de: amenizadores do clima, locais de reprodução da fauna que povoa toda a área da foz do Rio Amazonas e também de ponto de equilíbrio das águas fluviais e pluviais. As primeiras invasões se acentuaram no decorrer da década de 1990 com intensificação do fluxo migratório, devido principalmente a instalação da Área de Livre Comércio de Macapá e Santana. Projeto

Em agosto do ano passado, a Promotoria de Justiça do Meio Ambiente, Conflitos Agrários, Habitação e Urbanismo (Prodemac) motivou a promoção de Ação Civil Pública contra o Governo do Estado e a Prefeitura do município. A finalidade era conter os danos causados pela ocupação indevida dessas áreas e sua exploração predatória. Proposta no valor de R$ 50 milhões, a ação requer que os órgãos fiscalizadores e de proteção do patrimônio ambiental monitorem essas regiões, proibindo intervenções urbanísticas ou licenças para atividades econômicas de extração minerais nas áreas de ressaca. Segundo a ação, as intervenções indevidas pelo Estado, o descaso com projetos desenvolvidos sem licenciamento ambiental, a exploração irregular de minerais, o despejamento de resíduos sólidos e de esgoto doméstico e industrial sem tratamentocausam desordem urbanística e degradação ambiental de todo tipo, como poluição

heverton mendes/jd

O ambiente é de total desorganização. E o número de moradores cresce a cada dia. Acreditase que mais de 20 mil pessoas moram em áreas de ressaca em Macapá

de águas e solo. O Ministério Público requereu que no prazo de seis meses, a partir da data fixada em juízo, o Governo e a Prefeitura promovam, em ação integrada das secretarias, um Plano de Recupera-

IFAP promove I Encontro de Educação Inclusiva De acordo com a Ação TEC NEP o encontro promoverá debates voltados para o processo de inclusão no Instituto Federal, além da troca de experiências conseqüentes do evento heverton mendes/jd

No Amapá, há a preocupação de provocar a inclusão destes alunos através destas políticas por este motivo, existem parceiros vinculados ao órgão que estarão participando do encontro

F

oi realizado na manhã desta quinta-feira (17), o I Encontro de Educação Inclusiva do Instituto Federal do Amapá (IFAP), o evento que acontecerá também nesta sexta-feira (18) no auditório da escola Técnica Graziela Reis de Souza. O evento feito através da iniciativa da Secretaria de Educação profissional e Tecnológica (SETEC) contou com a implantação dos Núcleos de Atendimento às Pessoas com Necessidades Educacionais Específicas (NAPNEs), além de iniciar o debate a respeito da Ação TEC NEP - Educa-

ção, Tecnologia e Profissionalização para Pessoas com Necessidades Educacionais Específicas, que possui a coordenação de um grupo gestor central. Em cinco regiões do país, há a atuação destes gestores para que haja a efetivação de políticas de atendimento a estes alunos. No Amapá, há a preocupação de provocar a inclusão destes alunos através destas políticas por este motivo, existem parceiros vinculados ao órgão que estarão participando do encontro. De acordo com Nazaré Ramalho, gestora estadual da Ação TEC NEP o en-

contro promoverá debates voltados para o processo de inclusão no Instituto Federal, além da troca de experiências conseqüentes do evento. Foram convidados para o encontro Franclin Nascimento, gestor central do TEC NEP (SETEC/ MEC), que dará início ao ciclo de palestras com a palestra “A Ação TEC NEP como política pública de inclusão”. Dalmir Pacheco, gestor estadual do TEC NEP no estado do Amazonas, que trará a palestra “Acessibilidade: caminhos para promover a inclusão”. Mirian Correa, SEED e Alcilene Barbosa, SEMED.

Como parte da programação haverá a posse dos novos coordenadores dos NAPNEs, entre eles, Adriana Ribeiro, psicóloga e Raimunda Conceição Pedrosa, técnica em assuntos profissionais. Para encerrar a programação, neste dia 18 haverá mais palestras com os temas, “Aspectos legais e Sociais da Educação Inclusiva no Brasil”, “Educação Inclusiva no Amapá”, “Organização e Funcionamento do Centro de Apoio Pedagógico ao Deficiente Visual do Amapá” e “Estrutura Funcional e Organizacional do Centro de Apoio aos Surdos do Amapá”.

ção das Áreas de Ressaca, um Plano Integrado de Regularização Fundiária e um Plano de Recuperação de Áreas Urbanas Degradadas de Domínio Público. O descumprimento dessas obrigações po-

derá acarretar em Inquérito Policial na Polícia Federal por crime contra a administração ambiental. Até o momento nenhuma medida foi apresentada pelos órgãos, e a situação das ressacas continua a mesma.

Curso de Disseminadores de Educação Fiscal abre inscrições

O

curso de Disseminadores de Educação Fiscal a distância, do Programa Nacional da Escola de Educação Fiscal (Pnef), abrirá no período de 28 de Fevereiro a 18 de Março às inscrições da principal etapa do processo de formação do grupo de disseminadores. O objetivo é formar grupos para atuar no programa de Educação Fiscal, e tem como público alvo acadêmicos, profissionais liberais, professores e servidores público. De acordo com o Grupo de Educação Fiscal do Estado do Amapá (Gefi/ AP), a ideia é promover e institucionalizar a Educação Fiscal para o Pleno exercício da cidadania, ato que envolve principalmente a relação do cidadão com o Estado. O programa é resultado de um trabalho conjunto dos Ministérios da Fazenda e da Educação, das Secretarias da Receita Federal, Tesouro Nacional, Controladoria Geral da União, da Fazenda e das Secretarias de Educação dos estados. O início do curso está previsto para o dia 21 de Março e encerrará no dia 19 de Junho. Nos estados, o Pnef vem sendo implantado por meio de uma parceria das Secretarias de Estado da Fazenda e da Educação e a Secretaria da Receita Federal do Brasil, constituindo o Grupo de Educação Fiscal Estadual. O curso Online é promovido pela Escola de Administração Fazendária (ESAF), sendo desenvolvido integralmente na modalidade a distância, com alguns encontros presenciais sobre a responsabilidade da coordenação es-

tadual. Tem duração de três meses e carga horária total de 160h (a distância), são 300 vagas sendo acessado via internet, com apoio de material didático impresso, possuindo 4 módulos de estudos. O acesso ao curso pode ser feito no endereço www. esaf.fazenda.gov.br, no link Educação a Distância, por meio de senha pessoal que é enviada a cada cursista para o e-mail indicado na ficha de inscrição, no ato de confirmação de sua matrícula. Para participar do curso, os interessados devem atender aos requisitos essenciais determinados pela ESAF: • Ter disponibilidade do tempo para participação do curso; • Ter disponibilidade de tempo para atuar como disseminador de educação fiscal, quando solicitado; • Possuir conhecimentos básicos da informática: Windows, Word e Internet; • Possuir endereço eletrônico do provedor Yahoo, caso não possua e-mail de provedor pago (terra, UOL); • Ter acesso a internet, com sistema operacional: Windows 98 ou superior, browser: Internet Explorer 4.0 ou superior, desconpactador de arquivos Winzip e plugin para o Flash, Adobe Acrobat Reader 5.0 ou superior. Para um melhor acompanhamento e apoio aos estudos, o cursista conta com um sistema de tutoria por meio de telefone, fax, e-mail, além dos encontros presenciais. Contato: (96) 8112-1511 – Horário Comercial: 8h às 12h e das 14h às 18h (com informações da assessoria de comunicação).


DiaDia

Jornal do Dia

Editor responsável : Marcelle Corrêa < marcellecorrea@jdia.com.br

B4

Macapá-AP, sexta-feira, 18 de fevereiro de 2011

Casos de malária em áreas indígenas de Oiapoque têm redução Segundo a Coordenadoria Estadual de Controle a Malária houve uma redução de 78,2% dos casos

A

Coordenadoria de Vigilância em Saúde (CVS), através da Divisão de Vigilância em Saúde Ambiental, esteve no período de Dezembro de 2010 a Fevereiro deste ano em 52 áreas indígenas no município de Oiapoque. O objetivo dos técnicos foi diagnosticar casos de malária nessas aldeias. Na primeira etapa, que aconteceu no período de 02 a 16 de Dezembro de 2010, foram examinadas 3.321 amostras de sangue, sendo que 129 atestaram resultados positivos para a malária. “Nesta

primeira etapa, examinamos mais de três mil lâminas e 129 culminaram positivamente para a malária. Desse número, foram constatados 59 casos de malária do Plasmodium Falciparum e 70 pelo Plasmodium Vivax”, explicou o coordenador Estadual de Controle de Malária, Jonas Ferreira. A ação contou com 81,2% de borrifação intradomiciliar nas aldeias visitadas. Além disso, foram realizadas buscativas de casos (coletas de sangue), diagnóstico precoce, tratamento imediato e adequado dos casos po-

sitivos e educação em saúde e mobilização social. Na segunda fase da Força Tarefa, que ocorreu de 26 de Janeiro a 09 de Fevereiro, foram coletadas 2.834 lâminas, sendo que destas, 28 casos foram positivos. Da primeira etapa para a segunda, houve uma redução de 78,2% de indígenas acometidos pela malária. T r a t a m e n t o supervisionado O tratamento dos indígenas confirmados com malária era continuamente acompanhado por téc-

nicos da ação. “Oito laboratórios foram instalados dentro das áreas indígenas, o que nos possibilitava examinar as lâminas com mais rapidez. A cada trinta minutos comunicávamos os resultados e de imediato começávamos o tratamento que era supervisionado por nossos técnicos”, disse Jonas. Ele esclarece ainda que os profissionais só deixaram as aldeias depois que o tratamento foi finalizado. “Para o Plasmodium Vivax, o tratamento dura sete dias, e para o Falciparum o tratamento é de três dias. En-

tão o índio era supervisionado e tinha a garantia da cura”, explica o coordenador. A malária Plasmodium vivax pode permanecer nas células do fígado enquanto vão, periodicamente, libertando parasitas maduros para a corrente sanguínea, provocando ataques com os sintomas da doença. Já a Plasmodium falciparum não permanecem no fígado. Contudo, se a infecção não for tratada ou receber um tratamento inadequado, a forma madura do Plasmodium falciparum pode persistir na

corrente sanguínea durante meses, provocando ataques repetidos com os sintomas da malária. A terceira etapa está prevista para acontecer no período de 14 a 29 de Março de 2011. Participam da Força Tarefa profissionais dos municípios de Tartarugalzinho, Calçoene, Oiapoque, Laboratório Central (Lacen) e Coordenadoria de Vigilância em Saúde (CVS). As áreas visitadas ficam na BR-156, rio Oiapoque, rio Curipi, rio Urukauá e rio Uaçá (com informações da assessoria de comunicação).

Escola de Artes Cândido Portinari Cadastramento divulga lista de aprovados da meiaApós o encerramento das matrículas, as atividades da instituição iniciarão normalmente em março

A

Diretora do Centro de Educação Profissional em Artes Visuais Cândido Portinari, Caroline de Oliveira Almeida, informou nesta quinta-feira, 17, que a lista dos aprovados já está disponível na secretaria da escola e no site do governo. As atividades da instituição serão retomadas no início do mês de março. De acordo com a diretora, no decorrer desses anos a estrutura do prédio tem sofrido desgastes sérios que se agravam a cada período invernoso. Visando solucionar esses

problemas e a recuperação do prédio, a Secretaria de Estado da Infra-Estrutura (Seinf) fez a interdição do imóvel, localizado na rua Cândido Mendes, inscrição cadastral nº 0143112-URBAM, Centro, no município de Macapá, para que fossem tomadas as devidas providências, dentre as quais a elaboração de um projeto arquitetônico para um novo prédio adequado às características do ensino da arte e às peculiaridades climáticas da região, a preservação e revitalização do antigo prédio.

Desde então, o Centro passou a funcionar na Avenida Acelino de Leão, nº. 926, bairro do Trem, mantida pelo governo estadual, juntamente com a Secretaria de Estado da Educação (Seed). O Centro de Educação Profissional em Arte Visuais Cândido Portinari vem realizando todos os anos matrícula nas diversas oficinas livres e no início de cada ano o processo seletivo para ingresso no Curso Livre de Desenho Artístico que tem duração de quatro anos. Há 37 anos, referência no ensino de artes no

Amapá, o Cândido Portinari tornou-se Centro de Educação Profissional em Artes Visuais tendo como missão a qualificação de alunos para atuarem nas áreas de artes visuais, buscando atender a demanda sociocultural e de mercado da coletividade amapaense. A instituição oferece capacitação e formação em artes visuais, através de cursos voltados a um público infanto-juvenil, jovens e adultos, atuando nos níveis de formação inicial e continuada, na área de Desenho, Pintura e Modelagem.

Setur articula resgate de convênios paralisados há dois anos Tais projetos visam o desenvolvimento turístico do Amapá e encontravam-se necessitados de ajustes e encaminhamentos

O

compromisso em retornar com as ações e projetos de convênios federais que estavam paralisados há dois anos, foi garantido após encontro, em Brasília, entre a secretária de Estado do Turismo, Helena Pereira Colares e membros do Ministério do Turismo. Tais projetos visam o desenvolvimento turístico do Amapá e encontravam-se necessitados de ajustes e encaminhamentos. Os mesmos foram planejados pelo Programa de Desenvolvimento do Turismo do Amapá (Prodetur), entre os anos de 2007 e 2008, mas ainda não foram concluídos. Eles priorizam no Estado a área denominada “Pólo/Roteiro MaracáCunani”, que abrange doze municípios do Estado do Amapá. De acordo com a secretária Helena, o Prodetur Nacional é um Programa de Investimento para o Desenvolvimento do Turismo Sustentável, financiado pelo BID (Ban-

co Interamericano de Desenvolvimento), através de empréstimo com contrapartida do Governo Federal. Sabendo da importância dos convênios para o desenvolvimento do turismo no Amapá, Helena Colares e a equipe da SETUR embarcaram para Brasília, para intermediar o processo de repasse dos referidos convênios. “A conversa com os representantes do MTur e com a deputada federal, Marcivânia Flexa (PT) foi proveitosa, e possibilitou a retomada dos projetos do Prodetur-Amapá”, afirmou a secretária. O gerente geral do Prodetur no Amapá, José Paixão Moreira Martins, conversou com o diretor do Departamento de Programas Regionais de Desenvolvimento do Turismo, do Ministério do Turismo, Edimar Gomes da Silva. No encontro, trataram sobre a importância da retomada dos convênios paralisados do Plano de Desenvolvimento Integrado do Tu-

rismo Sustentável (PDITS) do Polo/Roteiro Maracá-Cunani, que inclui o Projeto de Sinalização de Orientação Turística; revitalização do Complexo do Balneário da Fazendinha; construção da nova Sede da Secretaria do Turismo e o Programa de Qualificação Profissional e Empresarial. Edimar ressaltou, sobretudo, as exigências de liquidez dos convênios que se encontram com pendências, para que esta gestão possa reiniciar os trabalhos junto ao MTur. A coordenadora geral de revitalização da Setur e coordenadora regional dos serviços turísticos, Gabriela Moraes Luz, também trouxe novidades repassadas pela coordenadora geral do Departamento de Estruturação, Articulação e Ordenamento Turístico e a coordenadora Geral dos Serviços Turísticos, Rosiane Rockenbach, do MTur. “Em breve, o Amapá estará recebendo re-

passe para as ações do Cadastur (Sistema de Cadastro de Pessoas Físicas e Jurídicas) que atuam no setor do turismo”, diz Gabriela. Na pauta foram tratadas ainda a importância e obrigatoriedade dos cadastramentos, conforme disposto na Lei 11. 771/2008, válida para todas as empresas de meios de hospedagens, agências turísticas, transportadoras e organizadoras de eventos. Outra recomendação vinda do MTur é dirigida aos donos de hotéis. O Boletim de Ocupação Hoteleira (BOH) e Ficha Nacional de Registro de Hóspede (FNRH) devem ser entregues na Divisão de Documentação e Informação da SETUR, até o quinto dia útil do mês. Essas informações são fundamentais para que a Secretaria de Turismo trace um perfil, tanto dos hotéis, quanto dos hóspedes que compõem o cenário do turismo no Estado.

passagem inicia em 1º de março matrículas, as atividades da instituição iniciarão normalmente em março

O

cadastramento e recadastramento da meia-passagem vai iniciar no próximo dia 1º de março e prosseguir até 30 de abril, sendo retomado em agosto para atender aos universitários que iniciarem seus cursos no segundo semestre, além dos casos de transferência de um Estado para outro. A decisão foi tomada durante a primeira reunião do Conselho de Transporte Escolar (CTE), nomeada em dezembro pelo prefeito Roberto Góes. A CTE é formada por representante da EMTU (Michel Braz, presidente), Setap (Décio Melo, vice-presidente), Semed (Bethania Borges, secretária), Umes (Track Éden), Uecsa (Pedro), Feuni (Italina Carvalho), Coam (Robson Bastos) e Seed (Maria do Socorro Costa). A reunião iniciou no dia 15 e encerrou em 16 de janeiro, em função do grande volume de deliberações. Ficou decidido que inicialmente o recadastramento ocorrerá nos seguintes postos: Subprefeitura de Macapá Zona Norte, Colégio Amapaense e Terminal Rodoviário de Santana. Quanto ao cadastro para os alunos que requeiram pela primeira vez o benefício, os locais são Subprefeitura, CA e Terminal de Santana. Outros postos serão anunciados nos próximos dias. Outra novidade este ano é o horário de atendimento, das 8h às 18 horas, ininterruptamente. A taxa para cadastramento será de R$ 12 e para recadastramento de R$ 6. Este ano, a coordenação do cadastramento será da Comissão de Transporte Escolar (CTE) – com informações da assessoria de comunicação.


Esporte

Jornal do Dia

C1

Macapá-AP, sexta-feira, 18 de fevereiro de 2011

Editor responsável : Alessandra Lameira < alessandralameira@jdia.com.br

Trem vence último amistoso antes da Copa do Brasil Partida contra o Guarany terminou 2 a 0 para o rubronegro amapaense

mario tomaz

Mario Tomaz da reportagem

O

Trem Desportivo Clube venceu na noite desta quarta-feira, o Guarany de Oiapoque pelo placar de 2 a 0. O jogo que ocorreu no estádio Glicério Marques terminou com a bola na rede dos jogadores Paulo Roberto Batata, de penalti e de Ari, aproveitando escanteio que veio da direita. O Trem ainda marcou com Jean Marabaixo, mas foi anulado pelo árbi-

O jogo amistoso que ocorreu no estádio Glicério Marques terminou com a bola na rede dos jogadores Paulo Roberto Batata, e de Ari

tro José Guilherme. Segundo o treinador Vitor Jayme, o Guarany está pronto para disputar o

Campeonato Não-Profissional deste ano e tem vários valores no seu grupo que merecem respei-

Acleap enfrenta Padre Vitório hoje a tarde

divulgação

to. “Equipes desta forma é que precisamos para trabalhar visando um adversário como o Náutico,

brigador, com objetividade e muita determinação”, lembrou o treinador.

“Na folia tricolor” será nesta sexta-feira, a partir das 16 horas

m clima de carnaval as escolinhas de futsal e basquetebol do São José entram em quadra não para disputa de competições federadas, mas para mostrar muito samba no pé até porque quem não gosta de sambar bom sujeito não é. O

O Trem Desportivo Clube finalizou o amistoso com 10 jogadores porque o ala Ro foi expulso ao fazer falta dura no atacante Nelson, do bugre oiapoquense. O Trem Desportivo Clube formou com Cristiano (Luciano), Ro (expulso), Filho, Remerson (Glaub) e Paulo Roberto Batata (Handerson Moura), Diogo Piraca, Anderson (Ronilson), Lessandro e Renan (Lé), Bruno Rafael (Ari 2x0) e jean Marabaixo (Diego Carajás) - treinador Vitor Jayme. O meia Renan saiu de campo com um corte no supercílio direito, mas o médido Alencar Souza informou que não será problema para atuar na partida de quarta-feira se o treinador Vitor jayme precisar. Déo Curuça, ainda entregue ao DM do clube apenas acompanhou a partida.

Escolinhas do São José em clima de carnaval

E

clima de alegria está marcado para esquentar às 17h30 quando as duas escolinhas estarão completas no jùlio Pereira. O evento contará com a participação da bateria de Boêmios do Laguinho e da mais bela negra da zona Norte, Nega Vânia. (Mario Tomaz)

Judô ganhará apoio com Lei de Incentivo ao Esporte Equipe da Acleap jogará nesta sexta-feira no centro de treinamento Osmar Neri Marinho

Jogo será no campo do Trem Desportivo Clube Mario Tomaz da reportagem

D

e olho na festa dos 13 anos de fundação, a Associação de Cronistas e Locutores Esportivos (Acleap) jogará nesta sexta-feira no centro de treinamento Osmar Neri Marinho contra a Associação padre Vitorio Galliane. O jogo marca

ainda a apresentação oficial da nova diretoria da Associação que tem Valdir Santos como presidente reeleito e que conta com a vide Admilson (Ypiranguista). O jogo será disputado pela equipe principal da crõnica esportiva que ainda não perdeu em 2011.

Paysandu passeia em campo e goleia o Águia de Marabá Jogo terminou com Rafael Oliveira sendo o grande nome do time alviceleste Mario Tomaz da reportagem

F

oi em um clima tenso que Paysandu e Águia se enfrentaram ontem à noite, na Curuzu, quando os donos da casa impuseram sua autoridade até quase o final e saíram de campo com um placar de 5 a 2. A superação do bicolor, líder de novo, não levou em conta o pouco público que compareceu ao estádio, nem as faixas de protesto, muito menos a briga de bastidores entre os presidentes do clube, Luiz Omar Pinheiro, e do Conselho Deliberativo, Ricardo Rezende, que continua a render. A anunciada busca de reforços e provável dispensa de jogadores fez

Projeto, em breve, será apresentado ao empresariado amapaense Mario Tomaz da reportagem

Q

ue a Lei de Incentivo ao Esporte já existe há muito, isso já se sabe. O que não se sabia era que o judô amapaense garantiu recursos para projeto social, denominado “Judô para Todos - Descoberta de Talentos”. O dinheiro já se encontra no Ministério dos

Esportes, mas precisa de investimento empresarial para transformar em realidade. O valor aprovado para captação ´é na ordem de R$ 566 mil e já empresários já acenaram para a confirmação de R$ 100 mil. Com o valor total, o projeto terá oportunidade de difundir o esporte e garantir material esportivo para a garotada que pratica o judô no Estado. Em conversa com o secretário de estado, Luiz Pingarilho, o presidente da FAJ, Antônio Viana recebeu aval positivo para organizar um evento que irá reunir empresários e autoridades governamentais que irão dar a oportunidade para novos investimentos. “O projeto é

bom e privilegia o atleta amapaense, vamos sensibilizar o empresariado para que este projeto caminhe e o judô não precisa ficar aguardando pelo dia seguinta com que tenha algum tipo de apoio”, ressaltou. Antônio Viana lembrou que os empresários podem entrar em contato com a federação e agradeceu a imprensa pelo apoio na divulgação. “Garantir recursos de incentivo ao esporte é difícil, mas a gente conseguiu quebrar esse tabú, precisamos agora é retirar esse recurso através de incentivo ao esporte e trabalhar com mais intensidade o nome do judõ amapaense a nível nacional”, lembrou. Mario Tomaz

efeito e o time do técnico Sérgio Cosme começou a partida disposto a decidir. A volta de Sidny na ala direita, em dobradinha com Thiago Potiguar e Rafael Oliveira, deixou o Papão impossível e o resultado não tardou a aparecer com o primeiro gol logo aos nove minutos, depois de uma jogada de Mendes e Potiguar, que cruzou para o ‘Animal’ Rafael finalizar. Não foi o suficiente para o artilheiro da competição (11 gols), que aos treze minutos se aproveitou de mais uma jogada de Potiguar e, com direito a drible na zaga marabaense, mandou a bola rasteira para o fundo da rede de Alan. A partir daí, o Águia ensaiou uma reação, mas aos 36 minutos, Cleuber cometeu um penal e Mendes cuidou

de ampliar, com um chute certeiro, ao centro do arco adversário. Na etapa final, o baile alviazul continuou aos 14 e 30 minutos. Precisa dizer quem foi o pai da criança? Sim, ele mesmo, Rafael Oliveira. Mas, o Águia reagiu no final, aos 36, com Ley, que driblou Sandro, e aos 43, com Roma, de cabeça, em uma falha da zaga alviceleste, para ira da torcida. Goleada não acalmou torcida bicolor. A vitória de 5 a 2 não foi suficiente para a exigente torcida do Paysandu, que mesmo com o triunfo sobre o Águia, se irritou com os dois gols do adversário nos minutos finais e, no alambrado gritava - ‘burro, burro!’ para o técnico Sérgio Cosme, que, irônico, ‘regia’ a plateia.

Antonio Viana-Presidente da FAJ, Luiz Pingarilho - Sedel e Saulo Amaral - vice-presidente da FAJ


Esporte

Jornal do Dia

Macapá-AP, sexta-feira, 18 de fevereiro de 2011

Editor responsável : Alessandra Lameira< alessandralameira@hotmail.com

Conca quebra gelo, quer ano igual a 2010

divulgação

Argentino concedeu primeira entrevista coletiva na atual temporada

Toque de Primeira

Antonio Luiz - alpcampos@hotmail.com POSITIVO. Peixinhos Voadores atendeu 12 mil alunos em 9 anos e nesta segunda abre inscrições. O projeto da PM oferece 400 vagas em Macapá e forma cidadãos por meio da natação. Um golaço da Polícia Militar! NEGATIVO.Santana Clupe pede licenciamento da Federação de Futebol e fica afastada de competições oficiais. A licença empobrece o esporte amapaense considerando a grandeza do canário milionário.

POTAL R7

Pela primeira vez no ano ele falou. Avesso aos microfones, Conca deu entrevista coletiva, algo que não acontecia desde o título do Brasileirão 2010. Nela, prometeu aos torcedores do Fluminense temporada igualmente positiva, mas rechaçou o rótulo de ídolo. - Os títulos deixam o jogador com mais importância dentro de um clube, mas ser ídolo ou não tem de perguntar ao torcedor. Não me preocupo com isso, apenas em sempre ajudar o Fluminense a ser campeão. Para poder continuar levantando taças, o argentino acredita que em breve estará em sua melhor forma. No fim de de-

TREMBALA. Amistosos servem de laboratório na formação do time. Falta um meia de ligação! TREMBALA I. Ingressos a R$ 20,00 e R$ 10,00 (meia) estão à venda no Trem e Salão Itamaraty para a Copa do Brasil. Conca, do Fluminenses, foi eleito o melhor jogador do Campeonato Brasileiro 2010

zembro, o meia realizou cirurgia no joelho esquerdo e, durante a pré-temporada, fez o trabalho de recuperação. Com isso, perdeu os três primeiros confrontos do Fluminense no ano e ainda não está no ritmo de jogo ideal. Algo que o argentino promete recuperar rapidamente.

- Já me sinto bem melhor. Não será nada fácil, mas sei que posso melhorar muito ainda e vou evoluir rapidamente para ajudar o time. Diante disso, o torcedor tricolor já espera Conca mais solto na semifinal deste sábado (19), diante do Boavista, no Engenhão, pelas semifinais da

C2

Taça Guanabara. Será a primeira “decisão” da equipe no ano. - O título do Brasileiro no ano passado foi maravilhoso, mas fará a cobrança aumentar. Não só em mim, mas em todos do time. Temos de trabalhar para disputar todas as finais e fazer um ano igual ao de 2010.

Anderson Silva quer popularizar o MMA com a ajuda de Ronaldo

SANTO. Desde que Ronaldo anunciou aposentadoria, iniciou a canonização mundial do Fenômeno. WCOMBAT. Rola amanhã no Avertinão o fino do MMA - Artes Marciais Mistas, inclusive o feminino. JUDÔ. Federação local promove ciclo de palestras e capacita professores. Este fim de semana! CARIOCÃO. Flu e Boa-

divulgação

vista duelam amanhã na semifinal da Taça Guanabara. Barbada tricolor! ACLEAP. Associação dos Cronistas Esportivos completa 13 anos no dia 28 FEV 2.011. ACLEAP I. Assembléia festiva, homenagens, religiosidade e esporte celebram o aniversário. PARAZÃO. Azulinos em êxtase prometem incendiar o clássico Remo x Tuna, no Mangueirão. VOLEIBOL. Está confirmado para hoje um encontro definitivo sobre a I Copa Imprensa. OIAPOQUE. Inicia em 19 MAR a Copa Cidade de Oiapoque. Vila Vitório e Infraero são as novidades. COPA DO BRASIL. É o caminho mais curto rumo à Libertadores. Olha o Trem aí, gente! FERREIRA GOMES. Barcelona e Ferreirense fazem amanhã a semifinal da I Copa de Inverno. FERREIRA GOMES I. Vencedor enfrenta o Beira-Rio e a final acontece em 26 de fevereiro. VOCÊ SABIA. Que Manoel Holanda é o novo diretor do Ginásio Poliesportivo de Santana. Gente boa!

Últimas

Mesmo sem gols de atacantes, Remo está invicto no paraense

divulgação

Vencedor do grande duelo contra Victor Belfort com um chute sensacional, Anderson vestiu a camisa do Corinthians após a vitória.

Campeão dos médios está de volta ao Brasil e exalta o Fenômeno “empresário” Portal R7

A

nderson Silva, considerado o maior lutador da atualidade de MMA (sigla em inglês para artes marciais mistas), se diz um apaixonado pelo Corinthians e fã

do agora aposentado Ronaldo. Dono do cinturão do UFC há mais de quatro anos, o paulista concedeu entrevista ao jornal O Globo e afirmou que a sua parceria com a empresa de marketing esportivo do Fenômeno, a 9ine, será importante para o seu esporte. - O Ronaldo já está ajudando. E se conseguirmos, será o meu grande gol. Estamos fazendo a nossa parte e mostrando que o esporte é sério, exige treino e dedicação. Vencedor do grande duelo contra Victor Belfort com um chute sensacional, Anderson vestiu a camisa do Corinthians

logo após a vitória. Ele é o primeiro (e ainda único) atleta agenciado pela empresa de Ronaldo, que já negocia com Neymar e Kaká. - Sou fã do Ronaldo e fissurado pelo Corinthians. Fiz todos em casa torcerem para o Timão. Não o conheço pessoalmente, mas nos falamos ao telefone algumas vezes. Segundo o lutador, seu objetivo é popularizar o MMA no Brasil. Com o peso do nome do ex-atacante da seleção brasileira, Anderson afirma que isso pode ser possível. De volta ao Brasil, Anderson já tem a agenda lotada, mas se diz triste pela

aposentadoria do craque. - Cheguei a pedir para não se aposentar, mas não adiantou nada. Quando encontrá-lo vou dizer que agora, pelo menos, ele vai poder cuidar mais de mim. Anderson também defendeu o esporte de luta e afirmou que o futebol que o Fenômeno jogava é até mais violento. - É uma modalidade de contato, mas não de violência gratuita. Acho o futebol violento. Vejo as contusões. Veja o que o Ronaldo passou. Eu nunca operei, nunca tive lesão em luta. Em compensação, já tomei ponto jogando futebol.

Conflitos no Bahrein cancelam etapa da GP2 Folha Press

O piloto Luiz Razia, único brasileiro presente na GP2, relatou por meio da sua assessoria a situação no Bahrein, que teve a etapa do GP2 cancelada pelo governo local ontem por conta dos protestos populares. “Estava tudo bem até chegarmos [ao circuito de Sakhir], mas as coisas têm piorado a cada dia. Os protestos estão crescendo

e a polícia, juntamente com o Exército, decidiu fazer alguma coisa, então as ruas estão bloqueadas. É muita policia para todo lado. É um pouco assustador ver tanques de guerras nas ruas”, disse. A segunda prova do GP2 devia começar nesta quinta-feira, com a disputa dos primeiros treinamentos, mas inicialmente foi adiada para sexta-feira para que a equipe médica que habitualmente fica no

circuito pudesse se deslocar para os hospitais da cidade e atender a população. Contudo, o governo local, juntamente com a federação de automobilismo do país, decidiu cancelar a etapa de GP2. “Os treinos livres e de classificação foram cancelados, pois não temos helicópteros e nem ambulâncias e os médicos estão um pouco ocupados com os protestos”, disse o brasileiro antes de saber que

a disputa havia sido cancelada. O piloto reserva da Lotus disse ainda que as autoridades estão orientando as pessoas a não saírem de casa. “Nós teríamos de ficar no hotel, estamos no circuito nesse momento, mas as coisas não estão indo de acordo. Acho que a segurança não mudou, eles estão bem controlados, mas tem muita polícia na rua. As vias e estradas estão bloqueadas”, disse.

E presta atenção que tem gente contratando atacante demais no futebol brasileiro Mario Tomaz da reportagem

A falta de gols do ataque do Remo não vem sendo um problema para o time, que encontrou outros caminhos para empurrar a bola para o fundo das redes, usando jogadores de outros setores. Em cinco jogos, foram 11 gols marcados por zagueiros, volantes, laterais, meias... Os jogadores da posição não escondem a preocupação com a falta de gols do ataque do time, ainda mais que o próximo jogo do Remo será contra a Tuna Luso, que tem Adriano lá atrás. Apesar da força e da competência do goleiro tunante, o Leão possui uma boa arma para tentar furar o ‘paredão’. O atacante Ró já marcou sete gols jogando contra o goleiro Adriano. No Campeonato Paraense 2010, Ró ainda jogava no Independente, enquanto o goleiro Adriano

defendia as cores do Leão. Em uma partida disputada no Baenão, no dia 17 de abril do ano passado, Ró marcou duas vezes no empate por 3 a 3 entre as duas equipes. Agora, com os papeis invertidos, Ró pretende dar um fim no jejum de gols do ataque do time já neste próximo domingo. “Temos que acabar com essa maré de atacante não fazer gol”, ressalta. “Espero que dessa vez a gente possa marcar gol, mas se isso não acontecer o importante é que venha a vitória”, explica o jogador. Nas outras equipes por onde passou, Ró sempre jogou ao lado de um outro atacante, diferente do que aconteceu na sua estreia, contra o Paysandu, em que ele atuou sozinho dentro da área, cumprindo uma função tática. Para o desafio contra a Tuna, no entanto, Ró poderia fazer parceria com Thiago Marabá, dependendo da escolha do treinador do time. Poderia... Isto porque após o treino realizado ontem, o atacante Thiago Marabá voltou a sentir dores na região posterior da coxa direita, onde sofreu uma contratura muscular. Com isso, o jogador mais uma vez vira dúvida para o jogo contra a Tuna Luso


Variedades

Jornal do Dia

C3

Macapá-AP, sexta-feira, 18 de fevereiro de 2011

Editor responsável : Flávia Dias < flaviadias@jdia.com.br

Graziella Schmitt interpreta líder estudantil no SBT

Foto divulgação

Desde janeiro deste ano, ela grava as cenas da personagem Maria Paixão Folhapress

E

la só tinha 13 anos quando conquistou uma das vagas mais desejadas, na época, pelas meninas da sua idade: tornou-se paquita da Xuxa. Depois de cinco anos, Graziella Schmitt se despediu do cargo. “Entrei como menina e saí como mulher’’, relembra. Já expaquita, a atriz passou por programas como “Sandy

& Junior’’ e “Malhação’’. Desde janeiro deste ano, ela grava as cenas da personagem Maria Paixão, a protagonista da próxima novela do SBT, “Amor e Revolução’’, que deve estrear em abril. “A Maria vem para mostrar um pouco mais do meu trabalho’’, diz a atriz, geralmente lembrada por papéis de moças meigas. Sobre essa imagem, porém, Graziella afirma que

tem mais a ver com as personagens que ela interpretou em programas de TV. No teatro, ela viveu papéis mais ousados, como o de uma prostituta na peça “Confronto’’, que esteve em cartaz recentemente no Rio de Janeiro. Agora, na trama que se passa durante a ditadura militar (1964-1985), Maria mostra a que veio já na primeira cena. “Ela aparece falando aos estudan-

tes, dizendo que eles precisam apoiar o presidente [João Goulart], a reforma agrária. É um discurso lindo’’, conta. Depois do golpe, Maria entra para a luta armada. “A intenção dela não é pegar em armas, ela vê isso como a última opção’’, diz Graziella. “Amor e Revolução’’ também terá o seu dilema romântico: Maria, a comunista, vai acabar se apaixonando por um militar.

“Estou pronto para voltar para a TV”, diz Charlie Sheen

Chris Brown divulga capa de seu novo álbum

Os representantes da Warner Bros não comentaram a entrevista de Sheen, nem informaram quando a produção será retomada F.A.M.E chegará às lojas no dia 22 de Famosidades

C

harlie Sheen declarou nesta terça-feira (15) que se considera pronto para voltar a gravar a série “Two and a Half Men”. “Nós estamos num hiato forçado”, disse o ator no “Dan Patrick Television Show”, do canal DirecTV. “Eles disseram: ‘Você fica pronto e nós vamos estar prontos’. E eu estou

março deste ano

pronto, voltei lá e não havia ninguém. Não sei o que dizer a você. Estou aqui e estou pronto. Eles não”, brincou o humorista durante a entrevista. Charlie ficou afastado por um mês para tratar de problemas relacionados com drogas. Os representantes da Warner Bros não comentaram a entrevista de Sheen, nem informaram quando a produção será retomada.

“Ti-Ti-Ti”: Após vencer leucemia, Drica Moraes volta à TV

A atriz fará uma participação especial na novela como Teresa Batalha Famosidades

Vírgula

C

urada da leucemia, após um transplante de medula, Drica Moraes está de volta às telinhas. A atriz fará uma participação especial em “Ti-Ti-Ti” como Teresa Batalha, uma fisioterapeuta durona. Sua personagem será responsável por ajudar na recuperação de Pedro (Marco Pigossi) depois que o filho de Jacques (Alexandre Borges) sofre um acidente de moto. A atriz promete arrancar gargalhadas dos telespectadores na pela da machona que ainda será ex-integrante da banda de rock de Jaqueline (Claudia Raia)

C

hris Brown divulgou a multicolorida capa de seu novo álbum, F.A.M.E, previsto para chegar às lojas no dia 22 de março deste ano. A capa, desenhada por Ron English, traz uma caricatura do cantor no centro da imagem olhando com severidade para o público, rodeado por outras fotos de seu rosto. Depois do fracasso de

seu álbum mais recente, Grafitti, que chegou às lojas na mesma época em que o cantor foi acusado de bater em Rihanna, Chris Brown tentou rever sua imagem e sua sonoridade para conseguir retomar sua carreira. Enquanto o novo álbum não chega, o cantor de R&B está divulgando dois singles: Look At Me Now, produzido por Diplo, do duo Major Lazer, e Yeah 3X.

“Brothers & Sisters’’ salta um ano para superar acidente Embora o primeiro episódio se passe um ano depois do fato, eles ainda estão remoendo o ocorrido Famosidades

A

pós encerrar a temporada com um engavetamento que deixou quase todos os personagens feridos, o quinto ano de “Brothers

& Sisters’’ mostra como anda a família Walker após o acidente. Embora o primeiro episódio se passe um ano depois do fato, eles ainda estão remoendo o ocorrido.

Resumo das novelas

Sexta-feira, 18 de fevereiro Amélia sai de casa desesperada. Max guarda provas que incriminam Amélia. Padre Emílio comenta com Terezinha sobre sua preocupação com Madalena. Max liga para um comparsa. Neca divide com Pimpinela o seu conflito: viajar com o circo e ter que deixar Glorinha. Estela sonha com sua gravidez. Dora pensa em se aconselhar com Ricardo para conseguir engravidar. Padre Emílio conversa com Terê sobre Madalena. Manuela tenta induzir Amélia a contar o que aconteceu entre ela e Max. Solano fala para Mariquita que vai viajar para Belo Horizonte atrás do avô. Manuela e Fred insistem para que Amélia e Vitor saiam da operadora para ver as fotos. Lurdinha avisa a Manuela que Max recebeu um telefonema de Veloso e está indo para a cidade. Dora tem uma ideia para que Geraldo a deixe viajar para Juruanã. Terê confidencia a Janaína o medo que tem de Neca ir embora com o circo. (G1)

A mais prejudicada como sempre- é Kitty (Calista Flockhart), cujo marido está há um ano em estado vegetativo. Mas até a onipresente matriarca da família, Nora (Sally Field), parece apá-

tica. A volta de Justin (Dave Annable), que se alistou novamente no Exército e passou uma temporada fora, acaba sendo o estopim para que todos se reúnam.

Sexta-feira, 18 de fevereiro Edgar sugere que Marcela volte a morar com ele. Gabriela conta para Luti e Valquíria que Amanda copiou o croqui para se vingar da mãe. Marcela pede um tempo para Edgar. Luti volta a namorar Valquíria. Marcela encontra Renato na Editora. Camila pressiona Luti a se decidir entre ela e Valquíria. Jaqueline fica sabendo que Jacques se separou de Clotilde. Mabi descobre que a separação é uma farsa. Marcela sai da Editora abalada e cruza com Isabel. Valquíria revela para a avó e os irmãos que Jacques é pai de Amanda. As clientes de Valentim descobrem que ele não é bruxo e destroem o ateliê do espanhol. Dona Mocinha fica sabendo que Stéfany difamou Armandinho e a expulsa de sua casa. Jacques encontra o ateliê de Jaqueline lotado. Júlia procura Marta para falar dos direitos de Amanda. Renato se muda e Isabel aparece em seu novo apartamento. (G1)

Só então os aparelhos que mantinham vivo Robert -Rob Lowe, que deixou o elenco- são desligados e o personagem pode, enfim, descansar em paz. A temporada tem ainda

outras mudanças de elenco e participações especiais, como a de Sônia Braga, que volta a fazer uma Gabriela. Neste caso, Gabriela Laurent, mãe de Luc (Gilles Marini).

Sexta-feira, 18 de fevereiro Norma parte em direção ao carro, mas Léo consegue fugir. Célia apresenta Matilde para Júlio e eles saem para ver um apartamento. Afonso beija Leila. Norma dá a placa do carro onde Léo estava para o delegado Rubens. Léo teme que a polícia encontre Afrânio. Júlio almoça com Oscar e Gilda. Henrique sugere que Cortez peça ajuda a Marina para criar um novo logotipo para o banco. Wanda fala com Pedro sobre a separação. Norma conversa com Décio, um defensor público que passa a cuidar de seu caso. Raul explica a Pedro que não pode mais ficar com Wanda. Pedro sofre ao pensar em Marina. Henrique fica encantado com Marina. Pedro evolui nas sessões de fisioterapia. Andressa manda Patrick se esconder quando Cortez chega em sua suíte. Durante a audiência, todas as testemunhas defendem Raul das acusações de Werner. Haidê vai à casa de Carol. (G1)


Últimas

Jornal do Dia

Editor responsável : Tulio Pantoja < tuliopantoja@hotmail.com

Macapá-AP, sexta-feira, 18 de fevereiro de 2011

Dilma promete “luta sem quartel” contra o crack A

presidente Dilma Rousseff prometeu ontem uma “luta sem quartel” ao crack no país. Ela abriu o seminário de implantação de 49 Centros Regionais de Referência em Crack e Outras Drogas em universidades federais. A solenidade, no Planalto, marcou o anúncio da criação dos centros instalados em universidades públicas em 19 Estados brasileiros, com o objetivo de capacitar profissionais de saúde e de assistência social para lidar com usuários de crack, tanto em termos de tratamento quanto de prevenção. Ao falar do desafio do crack, Dilma tentou fazer um trocadilho com o desafio da esfinge em Édipo Rei, de Sófocles -”decifra-me ou te devoro”. “[O desafio] É o decifra-me ou te devoro. Espero que vocês decifrem para que a gente possa, em termos sociais, devorar esse processo, metabolizar, expelir e controlá-lo na nossa sociedade.” A presidente ressaltou a importância de se capacitar profissionais para atuar na assistência de usuários de drogas e de suas famílias. “Acredito que o tamanho da luta requer tam-

foto Divulgação

Ex-árbitro Godói passa por cirurgia e está em estado grave

O

UTI neonatal do Hospital Universitário Professor Alberto Antunes, em Maceió

bém pessoas muito capacitadas”, disse. Promessa de campanha, a presidente insistiu em três frentes para lidar com o crack e outras drogas: prevenção, assistência a usuários e suas famílias e repres-

C4

são ao tráfico. “O meu governo vai dar combate sistemático em relação ao crack e eu tenho o compromisso de levar uma luta sem quartel ao crack”, disse ela. Estavam presentes ao evento reitores das

universidades selecionadas para serem centros de referência. Além de Dilma, participaram os ministros José Eduardo Cardozo (Justiça), Alexandre Padilha (Saúde) e Fernando Haddad (Educação). Folhapress

ex-árbitro e comentarista esportivo Oscar Roberto de Godói, que foi baleado em tentativa de assalto na noite de ontem, passou por cirurgia no Hospital das Clínicas, em São Paulo, na madrugada de hoje e está na UTI e em estado grave, mas estabilizado, de acordo com o hospital. Godói foi atingido por ao menos dois tiros -um na região cervical e outro no tórax, afirma o hospital. Segundo a Polícia Militar, ele foi vítima de uma tentativa de assalto na rua Diana, em Perdizes. Homens tentaram levar seu carro por volta das 22h. A cirurgia do ex-árbitro começou à 1h45 e terminou às 3h50. Às 6h, ele foi levado para a UTI. Seu estado é grave, porém, estável. Carreira.Polêmico, Godói -que atualmente é comentarista da Rádio Transamérica- teve seu contrato rompido pela TV Bandeirantes no ano passado, após criticar a direção da emissora no ar, durante a transmissão de um jogo. Quando o narrador Luciano do Valle comentou que um telespectador o havia elogiado por e-mail, Godói disse: “Que bom, porque da direção a gente não tem isso”. Oficialmente, a Band afirmou que “a saída de Godói foi motivada por uma renovação de quadro”. Em novembro, ele foi condenado, junto com a Band, a pagar indenização de R$ 100 mil por dano moral ao árbitro de futebol Philippe Lombard. O processo foi motivado por um comentário feito durante o programa “Jogo Aberto”, da Band, em que Godói criticou a atuação do árbitro. Folhapress


Meio Ambiente Editor responsável : Alessandra Lameira < alessandralameira@jdia.com.br

Jornal do Dia

D1

Macapá-AP, sexta-feira, 18 de fevereiro de 2011

Cientistas criticam novo Código Florestal

Entidades discordam da redução da área de preservação permanente (APP) na margem de rios Agência Brasil

A

Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC) e a Academia Brasileira de Ciências (ABC) preparam uma reação aos argumentos ruralistas para a aprovação das mudanças no Código Florestal propostas pelo deputado Aldo Rebelo (PCdoB-SP). As entidades divulgaram na última semana um resumo executivo de um estudo que deve provar cientificamente que as flexibilizações previstas no relatório de Rebelo comprometem o futuro das florestas do país. O texto foi reproduzido pelo Instituto de Estudos Socioeconômicos (Inesc). Entre outros pontos, os cientistas discordam da redução da área de preservação permanente (APP) na margem de rios, da possibilidade de regularizar plantios em topos de morros e da recomposição de áreas de reserva legal com espécies exóticas. No estudo, que deve ser divulgado na íntegra nas próximas semanas, os cientistas argumentarão que a área utilizada pela agropecuária no país pode ter a produtividade maximizada sem necessidade de novos desmatamentos, com investimentos em pesquisa e tecnologias. E que é pre-

ciso compensar as perdas ambientais provocadas pelo histórico de produção insustentável. “O contraponto do sucesso econômico da agricultura tropical se manifesta no aumento das pressões sobre o meio ambiente, com agravamento de processos erosivos, perda de biodiversidade, contaminação ambiental e desequilíbrios sociais. Fica evidente que há necessidade de medidas urgentes dos tomadores de decisão para se reverter o atual estágio de degradação ambiental provocada pela agropecuária brasileira”, diz o sumário executivo. Com o documento, a SBPC e a ABC pretendem ampliar a discussão sobre as mudanças no Código Florestal e protelar a votação do texto de Rebelo. O presidente da Câmara, Marco Maia (PT-RS) havia anunciado a votação para a primeira quinzena de março. No entanto, decidiu criar um grupo com representantes das bancadas ruralista e ambientalista para discutir o tema, sinal de que a votação deve ser adiada. Nos últimos dias, os ruralistas têm aumentado a pressão para tentar votar o relatório de Rebelo ainda em março. O texto foi aprovado em uma comissão especial em julho do ano passado e está pron-

Carlos Eduardo Leal

to para ir a plenário. A presidente da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA),

senadora Kátia Abreu (DEM-TO), disse que há risco de inflação no preço dos alimentos se houver

mudanças na lei florestal. Segundo a CNA, se não houver flexibilização no Código Florestal, os agri-

Corte no Orçamento não atinge fiscalização e licenciamento Ministra do vistos Meio Ambien- Agência Brasil te disse que o ministra do Meio Ambiente, Izaministério ainda bella Teixeira, disse hoje (17) está defininque os cortes no orçamento da pasta não vão do que áreas atingir as atividades de fiscalização e licenciae programas mento ambiental. A contenção de gastos com terão recursos diárias e passagens não deve ser estendida ao redistribuídos Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos para respeitar Recursos Naturais Renováveis (Ibama) e ao Instios novos limites tuto Chico Mendes de Conservação da Biodide gastos pre- versidade (ICMBio).

A

“Tivemos cortes na área de custeio em torno de diárias e passagens, mas o Ibama e o ICMBio não foram objeto disso. As atividades de fiscalização, de licenciamento, de combate a incêndios florestais estão devidamente preservadas”, assegurou. Izabella disse que o ministério ainda está definindo que áreas e programas terão recursos redistribuídos para respeitar os novos limites de gastos previstos pelo Ministério do Planejamento. “Estamos fazendo uma avaliação interna sobre programas em que, eventualmente, va-

cultores com irregularidades ambientais não terão acesso a crédito e a produção vai diminuir. agência brasil

Ministros Padilha e Izabella Teixeira tomam posse no Comitê Orientador de Logística Reversa

mos ter que fazer realocação de recursos”. Sem divulgar o valor do corte, a ministra disse que a perda não será tão grande quanto em outros ministérios. “Não

serão valores tão expressivos comparativamente ao resto da esplanada [dos Ministérios], porque o MMA não tem orçamento de bilhões, nosso orçamento é de

cerca de R$ 1 bilhão”. O ministério também tem outras fontes de recursos, além Orçamento da União, como o Fundo Amazônia, que tem US$ 1 bilhão em caixa.


Segurança&Tec

Jornal do Dia

Editor responsável : Pablo Oliveira < pc.oliveira@jdia.com.br

Enslaved: Odyssey to the West O Game foi uma das melhores surpresas de 2010

Macapá-AP, sexta-feira, 18 de fevereiro de 2011

HTC revela tablet e cinco novos modelos de smartphones

A

Fonte omelete.com.br

J

ornada ao Oeste é uma famosa fábula chinesa de 1570, escrita em meados da Dinastia Ming. Ela narra a história de um monge que, acompanhado do rei macaco e outras criaturas, enfrenta monstros e animais estranhos a caminho da Índia, pela Rota da Seda, para trazer os pergaminhos budistas de volta à China. A estrutura e os personagens do épico já ganharam vida na cultura pop várias vezes. Akira Toriyama inspirou-se nele para seu Dragon Ball e recentemente o filme O Reino Proibido adaptou-o de maneira globalizada. Agora, uma nova versão desse clássico é lançada, mas na forma de um game, Enslaved - Odyssey to the West, para PlayStation 3 e Xbox 360. O roteirista de Extermínio, Alex Garland, tirou a jornada da China do Século 16 para ambientá-la 200 anos no futuro, nos Estados Unidos. O rei macaco virou Monkey, um sujeito ágil e cheio de

recursos que sobreviveu sozinho sua vida inteira. Já o monge Tripitaka do original aqui se transforma em Trip, uma bela garota extremamente hábil com tecnologia. Os dois se conhecem a bordo de uma nave escravagista que, depois que ela a sabota, cai em uma Nova York devastada por um apocalipse robótico. Juntos e com suas vidas ligadas - ainda que não por opção dele - eles terão que descobrir uma maneira de retornar à cidade dela, em direção ao Oeste. A produtora inglesa Ninja Theory, atualmente no centro da polêmica referente às mudanças em Devil May Cry, soube aproveitar muito bem o texto de Garland. Os personagens são carismáticos, cheios de expressividade e muito bem desenhados e animados. Andy Serkis, o Gollum de O Senhor dos Anéis, interpreta Monkey. Seu trabalho é fantástico e fundamental para a relação entre o personagem e o jogador que, assim, se sente bastante próximo do drama de Monkey e Trip (outro ótimo personagem, Pigsley, junta-se a eles mais tarde). Confesso que

poucas vezes percebi em um game tamanha preocupação com os protagonistas, sua jornada e destinos. Com esse esmero nas atuações, animação e história, Enslaved é uma experiência emocional bastante rara nos games. Obviamente, por se tratar de entretenimento eletrônico, nada disso teria qualquer relevância se Enslaved não fosse bom de jogar. Mas a Ninja Theory e Namco acertaram também nesse aspecto. A jogabilidade evoca títulos como Uncharted, pelo sistema de escaladas, e na ação apresenta combate competente, com bom modo de aprimoramentos, ainda que sem muita variação de golpes. Mas os encontros inteligentes com chefes de fase, a possibilidade de superar algumas delas de maneira furtiva e os magníficos cenários (a Nova York em ruínas cobertas de vegetação é incrível) compensam a simplicidade do combate. Adiante, porém, ele fica mais instigante, com a necessidade frequente de combinar disparos de energia e pancadaria e a adição de veículos (a nuvem flutuante é divertidíssima).

As fases são todas lineares e com pouca exploração, algo que poderia ter sido melhor trabalhado. Controlar Trip em alguns momentos (ou mesmo um modo cooperativo para duas pessoas), como nos momentos de rastreamento e invasão tecnológica, também seria extremamente benvindo. O universo apresentado é rico demais para se restringir a uma só busca, um só ponto de vista. Mas isso é mero desejo gerado pela própria qualidade do game, já que a linearidade é movida pela ótima trama e entrega um desfecho instigante e surpreendente. Infelizmente, o jogo não foi bem recebido pelo grande público (a demo pouco atraente e a concorrência com os blockbusters de fim de ano podem ter sido alguns dos fatores responsáveis), o que pode inviabilizar novas aventuras de Monkey e Trip. Eu certamente voltaria a esse universo mais vezes, já que o final, totalmente satisfatório dentro do jogo, abre possibilidades para a continuidade da série. Torço para que Enslaved ainda encontre seu público.

Android reina entre novidades da feira de celulares

T

elas enormes e brilhantes, processadores ultravelozes e câmeras superpoderosas: descrever os principais celulares apresentados no Mobile World Congress requer adjetivos hiperbólicos. Mais uma vez, o Android reinou entre os supertelefones: dez entre dez grandes lançamentos da feira rodam o sistema móvel do Google. Um dos aparelhos mais badalados do evento é o Galaxy S II, da Samsung. Sua lista de especificações é motivo de comoção nerd: tela de 4,3 polegadas com resolução de 800x480, processador de núcleo duplo, câmera traseira de 8 Mpixels capaz de filmar em Full HD (alta definição plena, com resolução de 1.920x1.080 pixels), câmera frontal de 2 Mpixels e Android 2.3 (a versão mais recente do sistema). Na prática, a numeralha se traduz em uma operação veloz e sem engasgos. A tela, de Super Amoled Plus (em breve faltarão adjetivos para a Samsung descrever suas novas tecnologias de display) tem ótima niti-

dez e cores vibrantes. Puristas do Android, porém, podem se incomodar com o TouchWiz, interface com a qual a Samsung costuma vestir seus aparelhos com o sistema do Google. De acordo com a empresa, as vendas do aparelho começarão no segundo trimestre. Os míticos “Facebook Phones”, cuja existência a rede social havia negado mais de uma vez, finalmente vieram à tona por meio da fabricante taiwanesa HTC. São dois modelos com botões físicos que podem ser usados para publicar conteúdo no Facebook: o Salsa e o ChaCha, este último com teclado físico QWERTY. Em um vídeo exibido durante a apresentação dos produtos, o fundador da rede social, Mark Zuckerberg, prometeu que serão lançados ainda muitos outros celulares integrados ao Facebook. METAMORFOSE Também faz sucesso no Mobile World Congress o Atrix 4G, da Motorola, que a empresa anuncia como sendo o “o smartphone mais poderoso do mundo”.

Lançado em janeiro na CES, em Las Vegas, o aparelho com processador de núcleo duplo pode ser conectado a um curioso acessório, vendido separadamente: uma carcaça de notebook. O processamento fica a cargo do celular. Em pré-venda, o aparelho chega ao mercado dos EUA em 6 de março. ANDROID PARA JOGAR Em um evento que precedeu o Mobile World Congress, no domingo, a Sony Ericsson anun-

ciou oficialmente seu celular dedicado a jogos, o Xperia Play, com o sistema Android 2.3. Conhecido como “PlayStation Phone”, o aparelho há tempos circulava por meio de imagens vazadas na internet. Com botões semelhantes aos do PSP, console portátil da Sony, o Xperia Play virá com 50 jogos já carregados e é compatível com títulos produzidos para Android e para PlayStation. O aparelho começará a ser vendido nos EUA em março.

D2

HTC, fabricante taiuanesa de celulares, revelou na terça-feira dois modelos de celular para redes sociais, com foco no acesso ao Facebook, e apresentou seu primeiro computador tablet a um mercado já saturado de modelos. A quinta maior fabricante mundial de celulares também introduziu novas versões de seus modelos de maior sucesso Desire, Wildfire e Incredible. Os seis novos aparelhos funcionam com o sistema Google Android, que pôs fim aos dez anos de reinado do Symbian, da Nokia, como plataforma dominante entre os celulares inteligentes, no trimestre passado. “Acreditamos que os consumidores queiram liberdade de escolha; nem todo mundo será bem atendido pelo mesmo modelo”, disse Philip Blair, diretor de produtos da HTC Europe. O forte avanço da HTC no segmento de celulares inteligentes acionados pelo sistema operacional Android ajudou a empresa a ampliar sua fatia de mercado diante de rivais maiores, como a Nokia e a Samsung Electronics. A empresa detinha 9% do mercado mundial de celulares inteligentes no quarto trimestre, de acordo com o grupo de pesquisa IDC. A HTC passa a fazer parte da multidão de fabricantes de tablets, com seu mo-

delo Flyer, que tem tela de 7” e vem com uma caneta stylus. De acordo com a PRTM Management Consultants, antes da abertura do Mobile World Congress, em Barcelona, havia 102 tablets à venda ou em desenvolvimento, por 64 fabricantes. A HTC posicionou seu tablet na categoria de preços maiores e informou que está preparada para vender seus novos celulares para redes sociais a preços fortemente competitivos. “Estamos realmente tentando atingir o mercado jovem e de massa. Tentaremos ser o mais agressivos que pudermos”, disse Blair. A HTC espera reproduzir o sucesso da INQ Mobile, uma fabricante menor que estabeleceu posição no mercado por meio de foco exclusivo em celulares para redes sociais. Os novos modelos de redes sociais da HTC vem com uma tecla especial de Facebook, que permite que os usuários publiquem informações em suas páginas de Facebook com um toque. Os celulares são um importante canal de tráfego para o Facebook, segundo o qual 250 milhões de pessoas ao mês acessam sua rede social por meio de aparelhos móveis. Os seis modelos da HTC usam chipsets Qualcomm.

Filme se baseia na internet para explorar relações humanas

A

jovem e talentosa diretora americana Miranda July apresentou nesta terça-feira, na mostra competitiva do Festival de Cinema de Berlim, o filme “The Future”, uma fábula poética sobre o amor, a solidão e a criatividade, na qual a internet desempenha um papel importante. Dona de uma beleza delicada, Miranda July, que em 2005 ganhou a Câmera de Ouro do Festival de Cannes com seu primeiro filme, “Eu, Você e Todos Nós”, é ao mesmo tempo roteirista, diretora e protagonista da fita. A heroína, Sophie, mora com Jason (Jamish Linklater) em um pequeno apartamento de Los Angeles. Os dois passam horas conectados à internet. Parecem se entediar juntos e talvez o amor esteja acabando. Ela é professora de dança para crianças e ele descobre uma alma de ecologista, preocupado com o aquecimento global, vendendo pequenos arbustos de porta em porta. A história tem aspectos surrealistas, como o gato que espera ser adotado

pelo casal e de vez em quando se lança em monólogos. “Quando estava escrevendo o roteiro às vezes não me sentia humana, por isso decidi escrever do ponto de vista do gato. Todos, eu imagino, embora sejamos pessoas ativas, às vezes vivemos este sentimento de estranheza, de vazio, de solidão”, explicou Miranda July. Sophie ama Jason, mas como uma sonâmbula, talvez sob a influência da lua cheia, telefona para um desconhecido, que na verdade é um vizinho de 50 anos, e quase sem perceber acaba nua nos braços dele. “O mais difícil é falar de amor de uma forma nova. Queria buscar outro meio de mostrar o amor e a perda deste sentimento, também o desejo de estar em contato com a natureza e a inquietação que às vezes a natureza nos provoca”, acrescentou. Através da dança, Sophie quer soltar sua criatividade e passa horas filmando a si própria para criar uma coreografia para postá-la no site YouTube.


Comport&Saúde Editor responsável : Pablo Oliveira < pc.oliveira@jdia.com.br

Veja desculpas e outros jeitos deselegantes de romper relação O livro lista dezenas de foras, divididos entre clássicos, esfarrapados e sinistros. deixa uma pergunta no ar: não seria mais simples dizer não? A estilista Deborah Monteiro, 32, namorava havia sete anos com um cara declaradamente mulherengo. Um dia, ele saiu com esta: “Ando muito enrolado. Acho que gosto de homem”. “Comecei a rir. Eu sabia que ele estava com outra. É mais fácil dizer que virou gay do que falar a verdade?” A advogada Flavia, 34, que não quer se identificar, ouviu uma lorota mais absurda ainda, célebre entre suas amigas como o “toco fungos”. “Estava saindo com um cara há semanas. Um dia, ele mandou um e-mail dizendo que estava com fungos e por isso não poderia sair mais comigo.” Ela nem questionou. “Não quis mais. Vai saber onde ele tinha fungos.”

Fonte folha.uol.com.br

P tão

oucas coisas são tão universais --e, ao mesmo tempo, incompreensíveis-

- quanto levar um fora. Principalmente quando é acompanhado de desculpas esfarrapadas, dignas de serem gravadas e reproduzidas. “Sinistros são aqueles

que você não acredita que levou. Clássicos são os que todos dão e levam”, explica Leticia Rio Branco, também autora. Entre tantos tipos de tocos absurdos, o livro

COVARDIA EMOCIONAL Por que tanta gente prefere repetir clichês tipo “não quero me envolver” ou inventar coisas originais como “estou com fungos” em vez de explicar que não quer mais aquele relacionamento? Não dizer a verdade é uma forma de sair pelos fundos e salvar a própria pele. “Temos medo da reação, do ataque do outro. É uma estratégia de sobrevivência”, diz o psiquiatra Carlos Briganti, diretor da Associação Brasileira de Psicoterapia. Segundo a terapeuta familiar Flávia Stockler, não é o altruísmo que leva alguém a dizer, na hora do chute: “o problema sou eu, não você”. “A pessoa se justifica dizendo que não quis ofender. Na verdade, ela não quer se decidir, prefere ficar com o pé em duas canoas.”

Jornal do Dia

D3

Macapá-AP, sexta-feira, 18 de fevereiro de 2011

Apesar da conspiração feminina segundo a qual é o homem quem dá os piores e mais desajeitados tocos, dizer não é difícil para todos. “Implica em escolha, perda. Escolher não é simples. Preferimos adiar até que a coisa se resolva sozinha.” O problema é que as indefinições criam uma coleção de relações mal resolvidas. “É uma distorção de comportamento, uma forma de covardia emocional. A consequência são relações insatisfatórias”, diz o terapeuta Sergio Savian, especialista em relacionamentos. Para a antropóloga Telma Amaral, da Universidade Federal do Pará e pesquisadora na área de conjugalidades, existe uma tendência de encarar o fora como natural. “É como se fugir fizesse parte da natureza humana, mas não faz. É um comportamento alimentado.” Também não é preciso ser radical e condenar todo e qualquer toco, diz o psicólogo Ailton Amélio, professor da USP. “Às vezes é a saída menos danosa, quando a pessoa não tem vínculo nenhum com a outra.”

Fernando Oliveira, 29, agente de turismo, já deu toco por SMS, mas também já levou fora no estilo “problema de saúde”

‘Ela fingiu que tinha morrido’ Conheci uma pessoa pela internet, fui me envolvendo, vi fotos, conversamos pelo telefone várias vezes. Eu me sentia comprometido, afinal, gostava muito dela, não saía com mais ninguém. A gente fazia plano de se conhecer, mas até então não tinha dado certo.

Ela dizia que tinha um problema no cérebro, um aneurisma que poderia estourar a qualquer momento.Eu era compreensivo, não me importava. Um dia, recebi uma ligação dizendo que ela tinha morrido. Fiquei desesperado, queria ir no enterro de todo jeito, mas não deu certo.Fiquei muito triste. Passou alguns dias e descobri que ela não tinha morrido coisa nenhuma. A foto que ela tinha mostrado da primeira vez era de outra pessoa. Ela resolveu ‘se matar’ para depois vir falar comigo com a identidade verdadeira. Depois de tanta loucura, não quis mais saber. Eu, hein?

Dany Padilla, 42, consultora de moda, que levou fora na linha ‘minha filha está na UTI’

‘Ele ‘colocou’ a filha na UTI’ Conheci um cara e me apaixonei perdidamente. Ele era lindo, loiro, alto, bem-sucedido. Óbvio, me envolvi. Ele sempre dizia que era complicado, tinha acabado de se separar e estava confuso. Eu tive muita paciência. Mas um dia enjoei. O tempo passou, fiquei com outro e, depois de dois anos, quando estava na fossa, resolvi ligar para o loiro de novo. Acredita que veio com a mesma história? Ainda estava confuso. Ok, resolvi voltar a sair com ele. Um dia, combinamos e ele não apareceu. Ligou dizendo que a filha estava no hospital, tinha sofrido um acidente e ido para a UTI. Engoli. Depois de uns dias, descobri que era mentira. Ele tinha ido para Miami e tinha uma namorada. ‘Colocar’ a filha na UTI? Muito estranho. Me afastei de vez. Meses atrás, veio com uns papos para cima de mim.Então eu disse: ‘eu me casei, separei, vida andou e você fica com essa enrolação?’

Viciados em exercícios físicos não percebem que estão doentes Fonte folha.uol.com.br

A

doença que faz a pessoa se achar mais magra ou fraca do que é -enquanto seus músculos incham- vem sendo subdiagnosticada, conforme especialistas. Essa falsa percepção, característica do transtorno da vigorexia, leva o doente a abusar de exercícios físicos e, às vezes, de anabolizantes. Diferentemente do paciente anoréxico, o vigoréxico raramente procura ajuda, segundo a psiquiatra Ana Gabriela Hounie, da Associação Brasileira de Psiquiatria. “Quando um chega ao psiquiatra é porque foi encaminhado por um cardiologista ou urologista, procurado para solucionar problemas causados por uso de esteroides.” Incomodado com a falta de diagnóstico e a proliferação de vigoréxicos ao seu redor, o educador físico e instrutor Marcus Zimpeck, 29, criou um teste para avaliar o risco de o aluno desenvolver o problema (ao lado). “Metade dos homens que vejo em academias fica exibindo os músculos e gastando dinheiro com suplementos. Muitos vão para o caminho dos anabolizantes”, diz. Segundo o instrutor, detalhes como a frequência dos treinos e a autoavaliação no espelho podem ajudar a pessoa a checar se há risco.

A psiquiatra Hounie diz que o teste não é diagnóstico, mas pode detectar comportamentos suspeitos e levar a pessoa a um especialista. “O que dirá se a pessoa tem vigorexia é se a percepção do próprio corpo não corresponde à realidade.” Zimpeck aplicou o questionário em dez homens. Um deles, conta, teve a máxima pontuação. “Aconselhei a procurar um especialista.” Mas o instrutor diz que a maioria brinca com o tema. “O pessoal não leva a sério enquanto não surge algum problema no organismo.” AMBIENTE Academias são complacentes com o problema, na visão de Vladimir Modolo, professor de educação física e pesquisador do Centro de Estudos em Psicobiologia e Exercícios da Unifesp. “Academias têm a tendência de contratar professores sarados para atrair mais público.” Segundo Modolo, muitos instrutores ignoram os danos causados à saúde pela vigorexia.

“Acabam propiciando um ambiente no qual os praticantes são estimulados a cultuar o corpo sem controle.” O psicólogo Niraldo de Oliveira Santos montou um grupo no Hospital das Clínicas de São Paulo para tratamento gratuito da vigorexia. De 2006 até hoje, ele diz que só recebeu dois pacientes que usavam anabolizantes, mas não se enquadravam no diagnóstico do transtorno. “As pessoas não procuram tratamento.” “Para o vigoréxico, seu único problema é ele não estar malhando o suficiente”, reforça Hounie. E os anabolizantes são ferramenta para atingir o corpo almejado. “Quanto mais doses a pessoa tomar, mais efeitos colaterais terá”, alerta o endocrinologista Evandro Portes, vice-presidente da regional paulista da Sociedade Brasileira de Endocrinologia. E enumera: pressão alta, insuficiência cardíaca, câncer no fígado, atrofia testicular, infertilidade, convulsões, agressividade.


Gastronomia Editor responsável : Pablo Oliveira < pd.oliveira@jdia.com.br

Jornal do Dia

D4

Macapá-AP, quarta-feira, 16 de fevereiro de 2011

Prepare um petisco mexicano em 15 minutos Entre as propostas da casa estão os tacos de chilli acompanhados de molhos de maracujá, manga ou champignon e a Salada de La Gringa Fonte folha.uol.com.br

P

ara não esquentar ainda mais o verão, o Peppers Bar está oferecendo pratos mais leves. Apesar do cardápio de inspiração mexicana, o bar e restaurante deixa de lado a pimenta e aposta em opções com menos calorias. Entre as propostas da casa estão os tacos de chilli acompanhados de molhos de maracujá, manga ou champignon e a Salada de La Gringa, feita sobre uma tortilla em formato de cesta com frango desfiado, alface americana, azeitona preta, pimentões amarelo, verde e vermelho, queijo prato e molho de ervas. Confira abaixo receita de Mexican Crispes, nachos com queijo cheddar e parmesão derretido, cobertos com pimentões,

que fica pronta em 15 minutos: Mexican Crispes Receita do chef Meire de Caprio Ingredientes 200 gramas de nachos 50 gramas de queijo prato ralado 50 gramas de queijo parmesão 100 gramas de queijo cheddar Tiras de pimentões vermelho, verde e amarelo (médios) 2 folhas de manjericão Modo de preparo Em um prato que possa ir ao forno, coloque os nachos e acrescente o cheddar, o queijo prato ralado e o parmesão ralado. Coloque para gratinar no forno. Numa frigideira, colo-

que um fio de azeite, as tiras dos pimentões, sal e o manjericão. Deixe

dourar. Retire os nachos do forno e coloque os pi-

Espiga de milho temperada é opção vegetariana em churrasco

mentões por cima do queijo. Tempo de preparo: 15

minutos Rendimento: ções:

4

por-

ABC dos Alimentos Tangerina

Fonte folha.uol.com.br

U

ma das dificuldades de se fazer um churrasco é atender aos convidados vegetarianos. Uma espiga de milho temperada e assada na churrasqueira é uma ótima opção para oferecer a quem não come carne. A receita faz parte do livro “Delícia!”, recém-lançado pela Publifolha, e reúne uma seleção de iguarias publicadas na revista “delicious”. A publicação foi criada em 2003 para celebrar a comida e oferecer ao leitor sugestões maravilhosas e ao mesmo tempo práticas. São pratos para todas as ocasiões, de aperitivos a boas soluções para as refeições do dia a dia, de guloseimas para as crianças a pratos sofisticados para receber amigos ou planejar um jantar a dois. ra

Milho na churrasqueiRendimento

4 porções Preparo 25 minutos Ingredientes - 4 espigas de milho - 125g de manteiga em temperatura ambiente - 1 pimenta vermelha - coentro picado

Modo de Preparo 1. Coloque as espigas numa tigela com água fria e deixe de molho por 30 minutos. 2. Pique bem a pimenta e misture com a manteiga e o coentro. Escorra as espigas e coloque-as sobre papel-alumínio. Espalhe a manteiga temperada

sobre elas e feche o papel. 3. Cozinhe as espigas na churrasqueira (nível médio de calor) por 25-30 minutos, virando de vez em quando. Retire da churrasqueira e abra o papel com cuidado, sem deixar escorrer a manteiga.

Citrus nobilis Informações: A tangerina é uma fruta produzida por uma árvore da família das Rutáceas. É originária da China. Chama-se também de mexerica. É muito saborosa quando comida ao natural, mas pode ser usada também em sucos e doces. Uso Medicional: infecções, escorbuto, quistos, tumores, neurite, gota, reumatismo, debilidade da vista, arteriosclerose.

Composição Química 100grs: Calorias 50 Água 87,1 g Carboidratos 10,9 g Proteínas 0,8 g Gorduras 0,6 g Sais Minerais 0,6 g Vitamina A 3015 UI Vitamina B1 1 0 0 , 0 mcg Vitamina C 46,8 mg Sódio 216,0 mg Cálcio 41,0 mg Fósforo 18,0 mg Enxofre 9,0 mg Magnésio 5,5 mg Ferro 0,3 mg

O que você não sabia sobre os cafés mais caros do mundo Pode parecer estranho e até mesmo nojento, mas os cafés mais caros do mundo são obtidos a partir de fezes e cuspes Fonte revistaadega.uol.com.br

V

ocê é um grande apreciador de café? Conhece os mais variados tipos? Gosta também de coisas exóticas? Então provavelmente deve conhecer o Kopi Luwak. Este tipo de café é produzido nas Filipinas e na Indonésia e é considerado uma iguaria, vendido a peso de ouro. Deve ser maravilhoso, não? Sim, é. Mas qual seria sua reação ao saber que ele é obtido a partir das fezes de civetas? Isso mesmo, fezes! As civetas são um tipo de gato selvagem encontrado no sudeste asiático. Esse animal é conhecido por apreciar frutos maduros e saborosos dos pés de café daquela região. As fezes das civetas, em regiões produtoras, são formadas basicamente por sementes de café não digeríveis pelo animal. Nesse caso, o que faz desse café especial é o processo digestivo e fermentativo que ele sofre. O quilo do Kopi Luwak é

vendido por aproximadamente US$ 500 e sua bebida é descrita com sabor aveludado, achocolatado e livre de qualquer sabor amargo residual. O consumo crescente desse café faz com que ele seja considerado ouro por certos produtores. A questão mais delicada em sua produção, atualmente, está na crescente criação de civetas em cativeiro. Com a globalização, a notícia de grãos retirados de fezes de gatos silvestres já não aparecem como uma grande novidade no mundo das bebidas exóticas, certo? A exposição dessa iguaria em filmes de Hollywood e reportagens já é corriqueira. Contudo, você já imaginou tomar um café feito com os grãos tirados das fezes de uma ave? Este café também existe, e é produto genuinamente brasileiro. Trata-se do “Café do Jacu”, que é produzido em Domingos Martins, no Espírito Santo. Esse estado brasileiro é conhecido mundialmente como o

maior produtor de café robusta do Brasil, levando o País à posição de segundo maior produtor dessa espécie. Infelizmente, como ocorre com a maioria dos produtos de alto valor agregado, esse tipo de café é vendido principalmente para o mercado estrangeiro. A maior parte da produção segue para cafeterias de Tóquio, Londres, Los Angeles, São Francisco e outras cidades do mundo. No Espírito Santo, existe apenas uma casa especializada na capital, Vitória, e outras duas em Pedra Azul que o comercializam. Da mesma forma que o Kopi Luwak, os grãos do Café do Jacu são colhidos das fezes da ave Jacu, que come os melhores frutos do cafeeiro, aqueles sem defeito e completamente maduros. O Jacu, descrito pela primeira vez em 1870, é uma espécie de ave grande, de topete pardo-avermelhado e faixa superciliar esbranquiçada contrastante com a sobrancelha negra, a qual se alonga em

uma listra ao redor da região auricular e da garganta. Essas aves são encontradas geralmente em matas entremeadas de campos e matas secas do oeste de Minas Gerais, Espírito Santo, Goiás e ao leste do Mato Grosso.

A civeta é um tipo de gato selvagem encontrado no sudeste asiático. Este animal, assim como o Jacu, costumam comer os frutos mais maduros e saborosos do café

Civeta e Jacu, de ameaça a lucro O surgimento desse café também tem muito a

ver com o Kopi Luwak. Foi através do sucesso deste último no mundo que um produtor do Espírito Santo fez um teste com as fezes do Jacu. Segundo ele, o Jacu sempre foi considerado uma ameaça para o lucro dos cafeicultores, pois, em certos cafezais, eles chegavam a comer até 10% da produção. Mas o mundo dá voltas, e o Jacu, como a civeta, passou de vilão a herói. Antes vilões das plantações de café, Jacu e Civeta passaram a ser valorizados pelos produtores O Café do Jacu é vendido atualmente por aproximadamente R$ 240 o quilo. Alguns provadores descrevem esse café como equilibrado, além de deixar um ótimo sabor na boca. A primeira produção ocorreu em 2006, porém poucos quilos foram obtidos. Já em 2008, a produção atingiu aproximadamente 150 quilos. Café cuspido de macaco?

Um terceiro tipo de café exótico que vem ganhando os holofotes do mundo é produzido na vila de Zhanghu, em Taiwan. Um pequeno cafeicultor percebeu que os macacos existentes na região eram grandes consumidores dos frutos mais saudáveis de suas produções. Entretanto, ao contrário de outros fazendeiros, que os consideram uma praga, o fazendeiro notou que os mesmos aproveitam o exterior suculento das frutas vermelhas e descartam os grãos, que causam indigestão. Assim, diferente do Kopi Luwak e do Café do Jacu, os grãos não são excretados, mas cuspidos. Visitantes de várias partes de Taiwan e do mundo vão à vila de Zhanghu para apreciar o novo tipo de café. De acordo com o produtor e alguns apreciadores, esse café é mais doce e apresenta uma nota de baunilha em seu aroma. O preço é cerca de US$ 100 por quilo. Se interessou em provar?.


jornal do dia 18 02 2011  

jornal do dia 18 02 2011

Advertisement
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you