Issuu on Google+

futebol. Dez clubes irão disputar o Amapaense 2011. nA6 Macapá, Terça e Quarta, 08 e 09 de Março de 2011 Domingo e Segunda R$ 2,50 - Terça a Sábado R$ 1,50

Seguro obrigatório

Elas já dominaram todas as profissões, menos o direito de ganhar igual a eles

Todo mundo paga, mas ninguém sabe para que serve

As mulheres sempre ganharam menos do que os homens. E no ano passado, a diferença, que vem diminuindo ao longo dos anos, ficou maior para algumas mulheres. No abismo entre as remunerações, as que mais sofrem são as que têm mais anos de estudo. Em 2010, o salário médio das mulheres com ensino superior completo na admissão ficou em R$ 1.727,76. Já o salário dos homens com o mesmo estudo, ficou em R$ 2.805,92. nA5

nB1

Dia Internacional da Mulher: dia de decisões e reflexões nA4 Apuração dos desfiles da Abloca será nesta quarta-feira A Associação dos Blocos Carnavalescos do Amapá (Abloca) fará no dia 9 de março, a partir das 11h, a apuração das notas dos blocos que se apresentaram na Avenida Ivaldo Veras, no Sambódromo, no sábado, 5. Foram julgados conjunto e animação, criatividade e fantasia e ainda música. nA3

Confraria Tucuju quer realizar “Festival de Ladrão do Marabaixo” A intenção é estimular o retorno do improviso nas rodas de Marabaixo e também estimulando o aparecimento de novos talentos no interior dessas manifestações. nB1

CNBB lança Campanha da Fraternidade no dia 9 A Campanha da Fraternidade 2011, da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), será oficialmente aberta na Quarta-Feira de Cinzas. Este ano, a campanha adotou o tema “Fraternidade e a Vida no Planeta”. O lema escolhido é “A criação geme em dores de parto”. nB4

Abandono de obra gera transtorno a moradores Há anos os moradores da Avenida General Osório solicitam reparos no local. A Avenida é a única do bairro que ainda não recebeu asfalto e serviços básicos de infraestrutura. nB2

No futebol paraense, novidades no treino do Remo para jogo decisivo

O destaque no treino coletivo realizado ontem de manhã, no Baenão, foi um jogador que ainda vive as expectativas de fazer o seu primeiro jogo com a camisa remista. O atacante Wellington Silva marcou dois dos três gols do time. nA6

Na edição de hoje

24 Páginas em 03 Cadernos Opinião A2 Geral A3 Especial A4, A6 Esporte A6

Dia Dia B1, B2, B3, B4 Sociedade A8 Mundo A7 Edição número: 7552

Ypiranga e São José: rivalidade que precisa ser preservada nA6

Mais de

5.200

oportunidades


Jornal do Dia

OpiniãoA2

Macapá-AP, terça e quarta-feira, 08 e 09 de março de 2011

Respingando Sem união Foi travada uma verdadeira guerra entre Comissão de Transporte Escolar, Setap e associações estudantis por conta da meia passagem do transporte público em Macapá. É um atacando o outro com e-mails enviados para a imprensa, que muitas vezes não sabe em quem acreditar. Não seria muito mais fácil e proveitoso se houvesse união para a solução dos problemas? Velho problema Moradores do bairro Novo Horizonte estão reclamando por conta dos atrasos dos ônibus. Entre as principais reclamações, além da demora de cerca de 40 minutos ou mais para que algum coletivo apareça, eles nunca passam nos mesmos horários. Resultado: com a demora e sem horário fixo o jeito é sentar e esperar... isso quando tem abrigo descente com banco. Fraco...fraco Sem o desfile das escolas de samba do Amapá, quem também pagou o preço, fora os foliões, foram os empresários e ambulantes. Adereços e

demais produtos carnavalescos tiveram poucas vendas e sem desfile, os ambulantes estão tendo que dançar conforme a música, ou seja, vendo a programação de blocos e correndo atrás. Abandono Muitos moradores de bairros periféricos de Macapá estão reclamando pela grande quantidade de terrenos e construções abandonadas. Exemplo de uma destas situações é um prédio localizado na Avenida General Osório, no bairro Jesus de Nazaré, que nem fica em zona afastada. A construção está abandonada há anos, foi invadida por várias pessoas que moram no local, porém sem rede de esgoto a “porcaria” vai toda para a rua, além de muitos outros problemas. Solução Não seria interessante se o poder público procurasse o proprietário do local para resolver de uma vez por todas o que será feito dali? Pois está prejudicando quem mora por perto. Há anos o prédio está abandonado, já disseram que seria uma clínica, depois que seria uma

Editorial

P

faculdade, mas a verdade é que continua um caos. Também dizem que é de um grande empresário, então qual o motivo para continuar deste jeito? Policiamento A população aprovou a atuação da Polícia Militar durante os dias de folia. O policiamento ostensivo mostrou ser bastante eficaz em Macapá. Agora o grande pedido é que essa determinação pela segurança pública não termine junto com o carnaval depois da quarta-feira de cinzas. Xixi na rua Mesmo com a campanha nacional apelidada de “não faça xixi na rua” ao menos por aqui a coisa não mudou. Exemplo disso é que no carnaval de Santana a pouca quantidade de banheiros químicos não comportou a quantidade de foliões, que fizeram, e muito, xixi na rua. E tem mais... Também houve várias reclamações sobre a completa inexistência de banheiros químicos na concentração dos Blocos no sambódromo de Macapá. Ali sim o xixi na rua rolou solto. Mesmo com campanha para

que a população não faça suas necessidades na rua, é obrigação do poder público, ao realizar eventos de grande concentração popular, oferecer no mínimo banheiros. Sujos Neste ano a Banda, o maior bloco dos sujos do norte do Brasil, será literalmente o bloco dos sujos, é que a Caesa informou na manhã de segunda-feira (07) que o fornecimento de água em toda cidade de Macapá será interrompido durante toda a manhã de terça-feira (08). Provavelmente a água deve retornar a partir do meio dia (será?). Quem quiser sair cedo e “emendar” para a Banda... vai sem banho.

CPF de graça A Caixa Econômica Federal vai oferecer às mulheres, no período de 9 a 11 de março, o serviço de inscrição gratuita no Cadastro de Pessoa Física (CPF), em todas as agências do banco. O intuito da iniciativa é comemorar o Dia Internacional da Mulher (8 de março). Segundo a Caixa, o objetivo é possibilitar o acesso das mulheres às políticas públicas do governo federal: Programa Fome Zero, Bolsa Família e o Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf), além de facilitar o acesso à inclusão bancária e ao microcrédito.

Mudança A Escola Sambódromo de Artes Populares, localizada no Complexo do Marco Zero, passou a se chamar desde a noite de sexta-feira (04), Escola Amapaense de Artes Populares R. Peixe. Bem que poderiam mudar de nome com uma grande festa, na realização dos desfiles das escolas, seria mais “alegre”. Não deveriam ter deixado a mudança para o próximo ano?

Nosso dia Neste 8 de março comemoramos o nosso dia, por nossas conquistas, nossos direitos adquiridos, as oportunidades que tivemos de mostrar muitas vezes que somos (muito) melhores que os homens em várias coisas. Pena que ainda existem muitos machistas e covardes em nossa sociedade, mas para cada um deles também existem mulheres fortes e guerreiras.

Elas são elas

elo lado romântico, a mulher é a flor mais sublime que a natureza deixou na terra pelo seu perfume, pelo seu falar carinhoso e pela sua maneira de conseguir tudo que anseia, porque, como dizem os poetas, a mulher se assemelha a uma rosa que exala perfume nos momentos de mais terríveis dissabores. Ninguém inspirou mais canções, como nos grandes textos literários, nas telas de grandes pintores, nas poesias de todas as épocas, nos corações dos boêmios, do que a mulher, criação divina para este mundo rebelde que não sabe preservar o presente tão pequeno no tamanho, mas grande na beleza,

no amor e na inspiração. Ao parodiar a Bíblia, Deus soube presentear muito bem, quando recompensou Adão com a obra prima que nenhum escultor soube talhar tão eficientemente, sua Eva. Entretanto, a mulher busca espaço na sociedade de hoje. No Brasil, logo após Portugal ter tomado posse destas terras, a mulher européia que para cá veio, teve uma liberdade invejável frente à opressão em que viviam as mulheres na Europa. Isso porque estavam em número bastante reduzido; e portanto, valorizado. As mulheres da classe mais baixa, ou seja, aquelas que não estavam destinadas a se casarem com os homens com algum tipo

de posse ou riquezas, aquelas que tinham que trabalhar para viverem, poderiam ir e vir a hora que bem entendessem, poderiam escolher seus parceiros, o pai de seus filhos, se queriam ou não continuarem vivendo com quem estavam. A sociedade tornou-se patriarcal o homem fazia o que bem entendesse com os seus familiares e agregados. Quando casavam as mulheres saíam do jugo de seus pais para entrarem no jugo de seus maridos, que faziam o que bem entendiam com suas esposas. Contrariando as normas estabelecidas, grande parte das mulheres pobres estava inserida num cenário familiar caracterizado pela

Nova mensagem para o Carnaval Rodolfo Juarez Jornalista e bacharel em direito

H

oje era para ser um dia daqueles! Um dia para buscar, na Banda, descarregar toda a tensão do desfile oficial das escolas de samba e dos blocos das duas associações. Mas que nada, a banda não vai ser motivo de ninguém para extravasar as suas tensões vividas na avenida. E tem um motivo muito especial – não houve o desfile oficial das escolas de samba do Estado do Amapá. Uma decepção para muita gente! Mas só tem um jeito: conformar-se. Um dia tinha que acontecer. Já virara costume a pressão das dirigentes das escolas de samba, que também são dirigentes da Liga das Escolas de Samba, sobre o principal patrocinador, o Governo do Estado, ao qual chamavam de “parceiro”. No dia que o “parceiro” não entendeu ser boa a “parceria” (e só existe parceria boa, não existe a parceria má ou ruim), nesse dia os dirigentes do mundo do

samba, de forma apressada, disseram: “então não tem carnaval”. Se fora (ou não) blefe, ninguém sabe e nunca vai saber, o fato é que o principal patrocinador disse “não” e manteve o “não”. E o carnaval de 2011 passou longe dos desfiles das escolas de samba, a principal atração do carnaval amapaense, ou se quiserem: os desfiles das escolas de samba não aconteceram em 2011. Nesses casos temos que levar em consideração aspectos que são próprios de um local. Enquanto em Recife a atração é o frevo; em Salvador é o axé; em Santana é o corredor da folia; em Macapá é o desfile oficial das escolas de samba. Ainda não é aquele desfile! Mas já é uma atração muito importante, aliás, a mais importante do carnaval amapaense, aquela que tem a capacidade de atrair visitantes, lotar os hotéis, ocupar os taxis e lotar a estação de passageiro do aeroporto e os locais de desembarque das embarcações fluviais regionais. Se ficar a lição, todos podem se empenhar nesse rumo e descobrir que vale

a pena investir e trabalhar para transformar as apresentações em espetáculos a céu aberto que são feitos no sábado e no domingo de carnaval. Claro que para isso acontecer, com o desfile se transformando em espetáculo, o carnaval tem que ser pensado de outra forma daquela que, até agora, foi pensada. O profissionalismo tem que prevalecer sobre o amadorismos, as escolas de samba têm que avançar também no profissionalismo e tirar do embaraço daqueles oportunistas que querem usar as escolas como instrumento para satisfazer as suas ambições pessoais. O esforço de alguns continua sendo fundamental para que haja a alegria de todos e a mudança do processo de gestão nas escolas pode contribuir com esse profissionalismo e fazer com que as escolas, que já estão na luta a tanto tempo, possam consolidarse e garantir, além do sucesso particular da instituição, o fortalecimento do carnaval no Estado. Ficou diferente o carnaval sem o desfile das escolas de samba. Isso é a prova que todos precisavam para

ausência dos maridos, companheiros instáveis, mulheres chefiando seus lares. As mulheres passaram a se ver como chefes de suas casas e de suas famílias, já que foram obrigadas a lutar sozinhas por sua sobrevivência e pela sobrevivência dos filhos. A mulher na sociedade atual já tem tomado consciência de sua tarefa no mundo político em que está inserida. Já não se pode pensar numa mulher submissa, contudo ela deve compreender sua função social e partir para uma igualdade de participação, tanto no contexto social, como no econômico, tendo em vista que sua atuação de igualdade cada vez mais se concretiza.

notar o quanto é importante o evento e, também, observar que essa importância precisa ser democratizada e não canalizada para poucos. Ganhar a confiança de patrocinadores é decisivo nessa arrancada. De todos os patrocinadores, inclusive do Governo do Estado, administrador dos recursos do contribuinte,

que contando com uma boa informação pode diminuir a rejeição que boa parte da sociedade tem para os recursos públicos aplicados no carnaval. Só não vale repetir os chavões de que “é obrigação do governo” e que o carnaval “gera emprego e renda”. Nessa mensagem o contribuinte não acredita.

BOLSA PARA MULHERES - A presidenta Dilma Roussef comentou o aumento médio de 19,4% no benefício do Programa Bolsa Família e afirmou que sem a participação ativa das mulheres, a iniciativa não seria capaz de reduzir a pobreza no país. SEM ÁGUA - A Companhia de Água e Esgoto do Amapá (Caesa) avisa que, devido a necessidade de reparos na adutora da estação de captação, haverá interrupção no fornecimento de água em Macapá, nesta terça-feira , 8, no horário de 7h30 até ás 12h. A direção da companhia pede desculpas pelo transtorno, porém a realização dos serviços é inevitável. NOVO NOME - o Sambódromo agora se chama Artes Populares R. Peixe. A mudança de nome foi uma solicitação foi feita pelo Decreto Lei nº. 14.044 de 31 de dezembro de 2009. O sambódromo de Macapá foi inaugurado no dia 4 de fevereiro de 1997 com capacidade para, aproximadamente, 18 mil pessoas. No espaço são realizados os desfiles das escolas de samba e dos blocos carnavalescos, o festival de quadrilha junina e grandes shows musicais. DIREITOS AUTORAIS - A ministra da Cultura, Ana de Hollanda, disse que o projeto de reforma da lei de direitos autorais será retomado nos próximos dias. HOMENAGEM - A Rádio Difusora de Macapá (RDM) estará realizando hoje, 8 de março, terça-feira de Carnaval, 24 horas de mulheres no ar, em comemoração ao Dia Internacional da Mulher. Nas ondas da RDM, 630 AM e www.difusora.ap.gov.br, a sociedade amapaense vai curtir neste dia especial os direitos, talentos, reflexões, conquistas e homenagens às mulheres, além de brindes. AMBULÂNCIAS - O Instituto de Administração Penitenciária do Amapá (Iapen) vai colocar em operação, a partir da próxima semana, duas ambulâncias, tipo “Ducato”, doadas pelo Departamento Penitenciário Nacional (Depen), órgão do Ministério da Justiça. TRANSFERÊNCIAS - As ambulâncias são tipo furgão, modelo “Ducato”, destinados ao transporte de detentos. Os veículos são adaptados com celas e serão usadas para transferências de internos em casos de escoltas para serem ouvidos em audiências na capital e, principalmente, em comarcas do interior, ou atendimento médico.

Charge do dia

Diretor Editorial José Arcângelo Pinto Pereira Diret. Adm. Financeira e Contábil Maria Inerine Pinto Pereira Diretor de Assuntos Corporativos Luiz Alberto Pinto Pereira Diretora Executiva Lúcia Thereza Pereira Assessoria Jurídica e Tributária Dr. Américo Diniz — OAB/AP 194 Dr. Eduardo Tavares — OAB/DF - 27421 Editora-Chefe Patrícia Leal— DRT / Fenaj - 42717/ SP

Uma publicação do Jornal do Dia Publicidade Ltda. CNPJ 34.939.496/0001-85 Fundado em 4 de fevereiro de 1987 ENDEREÇOS por Otaciano Bento Pereira (1917-2006) e Redação, Administração, Publicidade e Oficinas: Rua Mato Grosso, 296, PacoIrene Pereira val, Macapá (AP) - CEP 68908-350 - Tel.: (96) 3217.1110 Primeiro Presidente Júlio Maria Pinto Pereira (1954-1994) E-MAILS Editora-Chefe: patricia@jdia.com.br patricia_jornalista@hotmail.com pautas e contato com a redação: jornaldodia1@uol.com.br departamento comercial: jdcomercial@gmail.com josemaria@jdia.com.br mairaruth@jdia.com.br

FIL IAD OA

HoraHora

Pa t r í c i a L e a l

JD na Internet: www.jdia.com.br

VIA CELULAR: m.jdia.com.br

REPRESENTANTES COMERCIAIS JC Repres. Com. Ltda. n Brasília, DF n Tel. (61) 328.4108 - Rio de Janeiro, RJ n Tel. (21) 262.7469, São Paulo, SP Tel. (11) 223-7551 Visão Global Comunicação S/C Ltda. n Rua Alvarenga, 573- Butantã CEP - 05509-000 - São Paulo, SP Tel. (11) 3030. 1899, Fax (11) 3812.1414. Contatos Fale com a redação (96) 3217-1117 Fale com o departamento comercial (96) 3217-1100 / 3217-1102 Geral (96) 3217-1110 Conceitos emitidos em colunas e artigos são de responsabilidade de seus autores e nem sempre refletem a opinião deste jornal. Os originais não são devolvidos, ainda que não publicados. Proibida a reprodução de matérias, fotos ou outras artes, total ou parcialmente, sem autorização prévia por escrito da empresa editora.


Geral

Jornal do Dia

Macapá-AP, terça e quarta-feira, 08 e 09 de março de 2011

Editor responsável : Túlio Pantoja < tuliopantoja@hotmail.com

Apuração do desfile da Abloca será nesta quarta ASCOM PMM

Professor de escola pública poderá fazer curso superior e pagar com aulas Agência Brasil da reportagem

C

Sem o brilho das agremiações carnavalescas, o carnaval no sambabromo ficou por conta do desfile dos blocos.

Notas dos jurados serão anunciadas a partir das 11 horas, no Sambódromo Janderson Cantanhede Da redação

A

Associação dos Blocos Carnavalescos do Amapá (Abloca) fará no dia 9 de março, a partir das 11h, a apuração das notas dos blocos que se apresentaram na Avenida Ivaldo Veras, no Sambódromo, no sábado, 5. Foram julgados conjunto e animação, criatividade e fantasia e ainda música. Com exceção de Tonga da Milonga e Beijo (fizeram apresentações especiais) e os Blocos Urubuzada e Kumbelê (não compareceram), os demais blocos estão na disputa pelo título de 2011. O Bloco Urubuzada justificou a ausência por conta da morte da mãe de uma das diretoras da agremiação. O primeiro dia de desfile dos blocos foi considerado tranquilo. Um público modesto compareceu ao Sambódromo para torcer e curtir o carnaval dos blocos. Na abertura, o Bloco Furakouro entrou na avenida com o tema

“Operação Mãos Limpas”. A letra fez alusão à operação da Polícia Federal realizada em 2010 no Amapá. Em seguida desfilaram Bloco Beijo, Bloco Paunela, Habeas Copus, Hajamor, Pororoca, Caldeirão, Tia Fé e Tonga da Milonga. O desfile do Blocão Circuito no Meio do Mundo não ocorreu por conta do horário do término das apresentações dos blocos. A Abloca confirmou para esta segunda-feira, das 12h às 20h, a programação do desfile do Blocão na Avenida Maranhão, entre Mato Grosso e Goiás, no bairro Pacoval. Antes do desfile da Abloca aconteceu a apresentação dos blocos institucionais Saúde Folia, Amélias Nunca Mais, Bloco do Detrando na Via e Bloco da Camisinha. Cada um levou para a Avenida Ivaldo Veras mensagens educativas e alertas ao público sobre a importância de pular o carnaval com segurança, prudência e responsabilidade. “É importante que os foliões façam sexo seguro com o uso de preservativo. Isto evita dor de cabeça depois da folia. Estamos aqui com uma equipe fazendo a distribuição de camisinhas e orientando as pessoas que existe nas Unidades Básicas de Saúde o Teste Rápido de HIV. Em 20 minutos sai o resultado. Mas é só transar com camisinha que

“Entre” Janderson Cantanhede

À ELAS – Quero

come çar a coluna hoje , D ia Internacional das Mulheres , desejando muita paz , amor e sucesso a todas elas . A final de contas , o que seria de nós , homens , sem a nossa cara meta de ?

METAS - A

pauta foi a dilatação de prazos para o cumprimento de metas da cooperativa amapaen se . L uiz C arlos ressal tou a importância dos re levantes serviços prestados pela coopera tiva e destacou , também , que qualquer interrup ção dos serviços , acar retaria enormes prejuí zos a toda a sociedade amapaense .

‘‘

NA ANS – A

bancada fe deral amapaense , repre sentada pelo senador Gilvam Borges (PMDB) e o deputado federal L uiz Carlos (PSDB), esteve no R io de J aneiro acom panhando a presidente da Unimed Macapá, Elza Rezende , em visita a A gência Nacional de Saúde

(ANS).

CARNAVAL – Custei

a acreditar na propaganda de que o melhor carnaval este ano , seria em S anta na . M as é verdade . O bri lho da folia santanense

você fica com a consciência tranquila e sem aquela dúvida se contraiu uma DST ou AIDS”, orienta Assunção Rocha, da Vigilância em Saúde Ambiental. A equipe da vigilância estava com cerca de 7 mil preservativos para entregar ao público e foliões. Cartazes com frases de alerta foram pregados ao longo do Sambódromo. No discurso de abertura, o secretário de Cultura, Zé Miguel, explicou que apesar das dificuldades financeiras está sendo possível fazer um carnaval digno. “O Governo do Estado fez um esforço para garantir apoio aos blocos. Bom carnaval para todos e vamos à festa”, disse ao encerrar o pronunciamento. A presidente da Associação dos Blocos Carnavalescos (Abloca), Hildima Ramos, agradeceu o apoio, mesmo com muito sacrifício, dado pelo governo à Abloca. “Isto nos permitiu levar os blocos para a avenida. Temos compromisso com a cultura e com o povo do Amapá“, enfatizou. Para a Abloca, o Governo do Estado por meio da Secretaria de Estado da Cultura (Secult) repassou R$ 50 mil. O Rei Momo Sucuriju e o Cidadão do Samba, Neck prestigiaram o evento. Segurança Nas áreas interna e externa do Sambódrofoi o suficiente para atrair os brincantes de vários cantos do E stado . De parabéns a organização do evento .

MURCHO – Por outro lado , o carnaval este ano em M acapá foi um dos mais murchos que já vi . Um dos lugares de maior público no domingo foi o Sambódromo. Os dirigentes das escolas de samba prometeram um carnaval independente do governo do E stado , em 2012. S ó vendo para acreditar .

TRAGÉDIA – Uma

tra gédia aconteceu esta se mana , em uma família bas tante humilde , no interior de M azagão . O chefe da casa saiu para caçar e já fazia cinco dias que não voltava . N a casa ficou apenas a esposa com um filho recém nascido .

A3

mo a Polícia Militar, Corpo de Bombeiros e Guarda Municipal faziam a segurança da população. No dia 05 de março, no desfile da Abloca, só a PM empregou um efetivo de 158 militares, distribuídos em dois turnos. O objetivo era manter a ordem no trânsito, inibir a ação de bandidos e fazer com que o cidadão prestigiasse ou pulasse o carnaval em paz. Não houve registro de ocorrências graves. O Conselho Tutelar da Zona Sul e o Juizado da Infância e Juventude estavam presentes no Sambódromo. A turma da limpeza da Prefeitura de Macapá atuou com brilhantismo na Avenida Ivaldo Veras, no Sambódromo. A cada passagem de bloco, os garis faziam a limpeza da pista com o recolhimento de adereços e fantasias que ficavam pelo caminho. No domingo, 6, aconteceu o desfile dos Blocos da Liga Independente dos Blocos Carnavalescos (Liba). As apresentações começaram a partir das 20h como desfile do Pererê, Pica Pau Boleiro, Unidos do Cabralzinho, Filhos da Mãe Luzia, Kubalança, Bafo da Onça, Unidos do Pau Grande, Mancha Negra, Filhos da Fruta, Metidos na Xexênia, Blocanal e Rolará (com informações da assessoria de comunicação). Após

a árdua missão de procurar comida na natu reza , eis que o homem volta e ao encontrar a esposa , perguntou pelo bebê .

CANIBALISMO – Sem hesitar , a mãe respondeu que havia comido a crian ça . C ontou que jogou na panela com água e levou ao fogo . A prova foram os pés do neném encon trados no varal da casa . Revoltado e inconformado , o pai atirou na mãe e acabou sendo detido . E le já está na penitenciária .

BRECHA - O

governo federal tenta abrir uma brecha para flexibilizar o monopólio da organiza ção sobre os direitos de transmissão das imagens da C opa do M undo de

2014.

erca de 381 mil professores da educação básica – 16% dos que atuam em sala de aula – estão matriculados em cursos superiores, seja para conseguir o primeiro diploma ou complementar a formação. O Ministério da Educação (MEC) quer incrementar esse número e decidiu ampliar benefícios do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) para profissionais que já atuam na rede pública. Desde o ano passado, o programa permite a estudantes de cursos de licenciatura pagar o financiamento atuando em escolas da rede pública após a formatura. Cada mês trabalhado em regime de 20 horas semanais abate 1% da dívida – o que permite quitar o valor em oito anos e quatro meses sem custo financeiro. A partir de uma portaria publicada no Diário Oficial da União, a medida será estendida a professores que já atuam na rede pública e querem cursar alguma licenciatura. Para aqueles que já estão na carreira, o tempo em que estiver fazendo o novo curso e trabalhando em escola pública passa a contar para o abatimento da dívida. Levantamento feito pelo MEC em 2009 identificou que 600 mil

CONVENCIMENTO - O maior impasse é conven cer a F ifa a aceitar um artigo que permite às emissoras de TV que não compraram os direitos de transmissão veicular 30 segundos de eventos re lacionados à C opa e 3% do tempo de cada parti da .

FLAGRANTES - Pela proposta , essas emisso ras poderiam usar o cha mado “ flagrante de ima gem ”, cenas dos jogos destinadas a programas de exclusivo cunho jor nalístico . E ssa regra , segundo o texto defendi do pelo governo , só va leria para empresas bra sileiras .

COMEÇA O ANO – Es-

tamos vivendo os últimos momentos da folia 2011. Dizem os mais preguiço-

professores que atuavam na educação básica não tinham a formação mínima adequada – ou não tinham diploma em nível superior ou eram formados em outra áreas que não as licenciaturas. O cruzamento feito entre os dados dos censos da Educação Básica e Superior, que identificou 381 mil professores em busca do diploma, mostra que a maioria – 192 mil – está matriculada em cursos de pedagogia. Em seguida aparecem as licenciaturas em letras (44 mil), matemática (19 mil), história (14 mil), biologia (14 mil) e geografia (10 mil). Do total, 67% estão em instituições privadas. De acordo com o ministro da Educação, Fernando Haddad, não é possível indicar se esses profissionais estão em busca de uma primeira ou de uma nova graduação. O MEC pretende depurar os dados para conhecer melhor esse público. “Mas os números nos surpreenderam positivamente. Nos dois casos [de o professor ter ou não nível superior], a busca pela formação é positiva”, disse. Há ainda docentes matriculados em cursos que não são diretamente relacionados à prática pedagógica como direito (8 mil), administração (5 mil) e engenharia (3 mil).

sos que o ano , na verda de , só começa depois do carnaval . A expectativa principal recai sobre as promessas de parceria entre G overno e P refei tura que prometeram frentes de trabalho de pois do carnaval .

BURAQUEIRA

– Um dos problemas principais é a terrível buraqueira que M acapá se encontra . Não dá mais para continuar desse jeito . O utra situação a ser resolvida é o funcionamento , como deve , das U nidades de Saúde. Não tem remédios, não tem profissionais su ficientes , enfim , ou o po der público deixa as ban deiras políticas de lado e tomam providências , ou a situação é capaz de ficar muito pior . Bom

carnaval a todos ...


Especial

Jornal do Dia

Editor responsável : Alessandra Lameira < alessandralameira@jdia.com.br

A4

Macapá-AP, domingo e segunda-feira, 06 e 07 de março de 2011

Dia internacional da mulher: dia de decisões e reflexões

agência brasil

O povo brasileiro elegeu no ano passado a primeira mulher presidente do Brasil. Rodolfo Juarez da editoria de Política

H

oje, dia 8 de março, é comemorado o Dia Internacional da Mulher. Esta data é ligada a uma proposta feita em 1910, pela líder comunista alemã Clara Zetkin, durante o II Congresso Internacional de Mulheres Socialistas para lembrar operárias mortas durante um incêndio que ocorreu em uma fábrica em Nova York, em 1857. A maioria era de mulheres imigrantes judias e italianas com idade entre 13 e 23 anos. Parte dos trabalhadores conseguiu chegar às escadas, descendo para a rua ou subindo no telhado. Outros desceram pelo elevador. O fogo e a fumaça aumentaram e muitos trabalhadores desesperados pularam pelas janelas e algumas mulheres morreram nas próprias máquinas. Na tragédia 146 pessoas morreram, sendo 125 mulheres e 21 homens. No local do incêndio foi construída uma parte da Universidade de Nova York onde consta uma placa com a inscrição em homenagem às vítimas do incêndio. Por causa dessa tragédia foram criados novos conceitos de responsabilidade social e legislação do trabalho, tornando as condições de trabalho as melhores do mundo. É provável que a morte das trabalhadoras da Triangle tenha se incorporado ao imaginário coletivo da comemoração do Dia Internacional da Mulher. Mas o processo para instituir uma data comemorativa já vinha sendo estudada pelas socialistas americanas e européias há algum tempo e acabou sendo confirmada com a proposta de Clara Zetkin em 1910. A data passou a ser comemorada com mais intensidade na década de 60 com o fortalecimento do movimento feminista, quando passaram a ser discutidos problemas da sexualidade, da liberdade ao corpo, do casamento e dos jovens. O fato é que não se sabe com precisão por que o dia 8 de março foi escolhido, mas ele se consagrou ao longo do século XX. A consagração do direito de manifestação pública veio com apoio internacional, em 1975, quando a Organização das Nações Unidas (ONU) instituiu oficialmente a data como o Dia Internacional da Mulher. O fato é que o dia 8 de março tornou-se referência de luta pelas conquistas sociais e de cidadania das mulheres. A violência doméstica passou a ser uma objetivo comum e urgente para ser contido. A VIOLÊNCIA DOMÉSTICA NO BRASIL- A questão da violência contra a mulher é global. Segundo a Sociedade Mundial de Vitimoligia, com sede na Holanda, que pesquisou violência doméstica em 138 mil mu-

lheres, em 54 países. A cada 4 minutos, segundo a pesquisa da SMV, uma mulher é agredida em seu próprio lar por uma pessoa com quem mantém relações de afeto. As estatísticas mostram que os registros nas delegacias especializadas de crimes contra a mulher demonstram que 70% dos incidentes acontecem dentro de casa e que o agressor é o próprio marido ou companheiro. Mais de 40% das violências resultam em lesões corporais graves, decorrentes de socos, tapas, chutes, amarramentos, queimaduras, espaçamentos e estrangulamentos. O Brasil é um dos países que mais sofrem com violência doméstica, perdendo mais de 10% do seu PIB em decorrência desse grave problema e suas interrelações. No Brasil apenas 40% das mulheres denunciam o seu agressor. Esse dado foi obtido de um levantamento feito pelo Senado. A atualização é feita sistematicamente e apontam que, na atualidade, em cada 100 mu-

lheres brasileiras 15 vivem ou já viveram algum tipo de violência doméstica. A VIOLÊNCIA DOMÉSTICA NO AMAPÁ- O Estado do Amapá é um dos estados mais avançados na questão do estudo da violência contra a mulher. Seminários, encontros, marchas públicas e declarações de necessidades de novas e práticas ações para que o quadro possa modificar para melhor, o cenário que vem sendo acompanhado há 5 anos. Os números apontam para um agravamento da situação, mas é provável que isso aconteça pelo comportamento das mulheres agredidas que estão perdendo, cada vez mais, o medo de denunciar o seu agressor. Dessa forma, cresse o número de registro e a realidade aflora com mais fidelidade. As políticas públicas adotadas estão dando oportunidade às mulheres para o exercício dos seus direitos individuais e da família, o que tem contribuído para o restabelecimento de conví-

Na eleição de 2010 o Brasil elegeu a presidente Dilma Rousseff, a primeira mulher a assumir o mais alto cargo público no Brasil. Ele representa a luta dos direitos femininos de todo o País.

vios, em novas regras, e a educação social. Os profissionais também estão ganhando experiência e começam a entender, mais profundamente, o que acontece dentro de uma residência entre mulher e seu companheiro, ou entre a mu-

lher, seu companheiro, filhos e outros familiares. Mesmo assim está comprovado que uma mulher, no Estado do Amapá, sofre violência a cada 15 minutos.

social por vivê-la. Na eleição de 2010 o Brasil elegeu a presidente Dilma Rousseff, a primeira mulher a assumir o mais alto cargo público no Brasil.

OS AVANÇOS- As mulheres têm conquistado os seus espaços em todos os setores da sociedade, entretanto em um desses setores, é de especial referência – o setor político. Dos 16 municípios do Estado, 3 prefeituras são comandas por mulheres. Duas mulheres exercem importantes funções executivas no Estado. Uma vice-prefeita da Capital (Helena Guerra); outra, vige-governadora do Estado (Dora Nascimento). Também para a Assembléia Legislativa foram eleitas 7 deputadas estaduais, o maior percentual feminino em uma legislatura em todos os tempos no Amapá. São 3 as deputas federais. No final do mês passado foi escolhida para ser Procurador Geral de Justiça do Estado do Amapá, a promotora Ivana Cei, a primeira mulher a comandar o Ministério Público Estadual. São tantas mulheres vereadoras e no exercício de cargos públicos importantes que as políticas públicas recebem análise por quem conhece profundamente a questão

CURIOSIDADESSegundo dados do Dieese – Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Sócio-Econômicos as mulheres correspondem a 41% da População Economicamente Ativa (PEA) do Brasil e mais de um quarto das famílias são chefiadas por elas. Mas nem tudo são flores. Pela pesquisa, as mulheres possuem maior nível de escolaridade que os homens, porém não ocupam funções compatíveis com sua formação, além de ter remuneração menor se comparada ao sexo oposto. PRIMEIRA MULHER DIPLOMADA NO BRASILDe acordo com pesquisa realizada pela professora de pós-graduação em História Social da USP Maria Regina da Cunha Rodrigues Simões de Paula a primeira mulher diplomada no Brasil foi a médica Rita Lobato Velho Lopes (1867-1960). Segundo pesquisa, com os impedimentos existentes na época, Rita Lobato só pode iniciar seus estudos depois que o imperador d. Pedro II assinasse um decretolei. agência brasil

Duas mulheres exercem importantes funções executivas no Estado. Uma vice-prefeita da Capital , Helena Guerra, (foto); outra, vige-governadora do Estado, Dora Nascimento.


Especial

Jornal do Dia

Editor responsável : Alessandra Lameira < alessandralameira@jdia.com.br

Mulheres formadas ganham R$ 1.078 a menos do que os homens na admissão O salário delas é 62% menor na contratação. O motivo? Preconceito, diz ministério

divulgação

A mulher ganha 25% a menos do que o homem [na média em todos os níveis de escolaridade

que os homens. E como tem muita mulher entrando no mercado de trabalho, isso prejudica. Para o ministro, o motivo da diferença ainda é o preconceito dos empregadores. - A mulher ganha 25% a menos do que o homem [na média em todos os níveis de escolaridade]. O motivo principal é preconceito e falta de visão porque, na minha opinião, as mulheres são muito mais competentes do que nós, homens. A diferença entre os salários de homens e mulheres vai caindo quanto menor for o grau de esco-

laridade. As mulheres analfabetas ganharam em 2010 7% menos do que os homens com a mesma escolaridade (salário médio na admissão de R$ 609,78 para eles e de R$ 568,24 para elas). Para as mulheres com ensino fundamental completo, os homens ganharam 26% a mais no ano passado ante 27% no anterior. Em 2010, o salário médio das mulheres com ensino fundamental completo ficou em R$ 610,22 na admissão. Já para os homens, de R$ 772,21. Para o nível de ensino médio completo, a diferença entre homens e

mulheres em 2010 ficou em 24%, com salário de R$ 842.24 para eles e de R$ 674,19 para elas. AUMENTO REAL- A boa notícia é que na média (entre homens e mulheres) os salários médios na contratação tiveram aumento real de 4,78% em relação a 2009, passando de R$ 795,81 em 2009 para R$ 833,86 em 2010 entre todas as faixas de escolaridade. De 2003 a 2010, o aumento foi de 29%, Há nove anos, os salários médio na admissão eram de R$ 646,23 (com informações do R7).

Os homens são mais infiéis se ganham menos que sua esposa A infidelidade é questão de dinheiro?

U

m estudo feito entre casados e noivos determinou que os homens que ganham menos que suas mulheres são mais propensos a enganá-las, situação que se incrementa notavelmente quando o marido é latino-

Macapá-AP, domingo e segunda-feira, 06 e 07 de março de 2011

BastidoresdaNotícia OPINIÕES POSITIVAS. Uma pesquisa anual do Serviço Mundial da BBC conduzida em 27 países revela que as opiniões positivas sobre a influência do Brasil no mundo tiveram o maior aumento entre as nações pesquisadas, passando de 40% a 49%. Já as visões negativas sobre a atuação brasileira caíram três pontos percentuais, para 20%. Somente em um país, a Alemanha, as opiniões negativas sobre o Brasil suplantam as positivas (32% a 31%). PARCEIRO DESCONFIADO- Outra nação a destoar do resultado geral foi a China, maior parceiro comercial do Brasil, onde a visão positiva da influência brasileira caiu 10 pontos percentuais, para 45%, e a opinião negativa subiu 29 pontos, para 41%. O levantamento, coordenado pelo instituto de pesquisas GlobeScan, foi feito entre dezembro de 2010 e fevereiro de 2011 com 28.619 pessoas, que opinaram sobre a influência de 16 países e da União Européia.

A

s mulheres sempre ganharam menos do que os homens. E no ano passado, a diferença, que vem diminuindo ao longo dos anos, ficou maior para algumas mulheres. No abismo entre as remunerações, as que mais sofrem são as que têm mais anos de estudo. Em 2010, o salário médio das mulheres com ensino superior completo na admissão ficou em R$ 1.727,76. Já o salário dos homens com o mesmo estudo, ficou em R$ 2.805,92. A diferença entre os sexos é de 62,6% ou R$ 1.078 mensais. Em 2009, a diferença era de R$ 1.016, ou 62,1%. A diferença nos números foi ressaltada pelo Ministro do Trabalho e Emprego, Carlos Lupi, que divulgou na última semana o comportamento do salário de admissão dos empregados com carteira assinada em 2010 na comparação com 2009. - Os homens continuam ganhando mais do que as mulheres, mas essa diferença aumentou. Principalmente as mulheres do nível superior, que andam ganhando bem menos do

americano. Os especialistas interpretam que o engano poderia ser o meio que encontram estes homens para restabelecer uma identidade de gênero que sentem ameaçados. Christin Munsch, a autora do estudo, ampliou estas conclusões: “Ganhar menos dinheiro que a mulher pode ameaçar a identidade masculina, levando em consideração a posição tradicional do homem como chefe de famí-

CHAMADA DE EMPREGADO A Empresa Iracilda Silva Alfaia-Me, CNPJ: 01.804.240/0001-01/ IE: 03.018.515-9, localizada Rua Tancredo Neves, 441-Paraíso –Santana/AP. Convoca o funcionário Alessandro Oliveira Silva, função: mecânico de moto, CTPS Nº: 70457 Série 00001-AP, a comparecer no endereço acima citado no prazo de 72h a contar desta data. Macapá, 04 de Março de 2011. COMISSÃO PRÓ-FUNDAÇÃO DO SINDICATO DAS EMPRESAS E ENTIDADES CULTURAIS, RECREATIVAS, DE ASSISTÊNCIA SOCIAL, ORIENTAÇÃO E FORMAÇÃO PROFISSIONAL DO ESTADO DO AMAPÁ, AMAZONAS E PARÁ EDITAL DE CONVOCAÇÃO DE ASSEMBLÉIA GERAL A comissão para a fundação do Sindicato das Empresas e Entidades Culturais, Recreativas, de Assistência Social, Orientação e Formação Profissional do Estado do Amapá, Amazonas e Pará - SECRASO-AP-AM-PA CONVOCA os Senhores Representantes integrantes da categoria econômica das empresas e entidades culturais, recreativas, de assistência social, orientação e formação profissional no Estado do Amapá, Amazonas e Pará, compreendidos no 2º, 3º e 4º grupos do plano da CNEC – CONFEDERAÇÃO NACIONAL DE EDUCAÇÃO E CULTURA, para a Assembléia Geral de fundação, a ser realizada em primeira convocação às 10 horas e 30 minutos, e, em segunda e última convocação, às 11 horas do dia 12/04/2011, na cidade de Manaus, no Estado do Amazonas, na Sala de Convenções do Taj Mahal Continental Hotel, situado na Av. Getúlio Vargas, nº 741, Centro, para deliberarem sobre a seguinte Ordem do Dia: 1) Fundação do Sindicato das Empresas e Entidades Culturais, Recreativas, de Assistência Social, Orientação e Formação Profissional no Estado do Amapá, Amazonas e Pará - SECRASO-AP-AM-PA; 2) Aprovação do Estatuto do Sindicato; 3) Aprovação da base territorial e da representação da categoria econômica do Sindicato; 4) Eleição e posse dos membros da Diretoria, do Conselho Fiscal e Delegados Representantes; 5) Outros assuntos. Manaus, 09 de março de 2011 Peterson Gustavo Germano Motta Presidente da Comissão de Pró-Fundação

lia. Esta relação pode ser particularmente forte em certos subgrupos para os que a masculinidade tem um grande valor, como sucede nos homens latinos”. Por outro lado, a investigação mostrou que os homens cujas mulheres são mais dependentes deles, são também mais propensos a ser infiéis, o que torna uma situação sem saída para as mulheres. No entanto, há algumas diferenças no caso das mulheres. A pesquisa explica: “Se uma mulher é a fonte de dinheiro da família, será mais propensa a enganar o seu marido, enquanto que se ela depende de seu marido, é menos provável que seja infiel”.

“A feminilidade das mulheres não está definida por seu status econômico, e também não se define por suas conquistas sexuais. Por tanto, a dependência econômica não é uma ameaça à feminilidade”, disse Munsch. O trabalho analisou dados de homens e mulheres, casados ou que moram juntos. Entre suas conclusões, levantou-se, também, que “quanto maior a educação, menor a probabilidade de que ele ou ela sejam infiéis”. Finalmente, a investigadora deixou bem claro que os dados não devem ser interpretados como um freio para as mulheres que tenham ambições ou querem (e podem) superar, em salários, a seu parceiro.

A5

INADIMPLÊNCIA 8% MAIOR- Após o crescimento recorde de 7,5% da economia brasileira no ano passado, puxado pelo consumo, que pressionou a inflação, o sinal de alerta agora vem do crédito. Mesmo com as medidas do governo para esfriar o PIB, a inadimplência deve crescer 8% este ano e “acender a luz amarela”. O CRÉDITO - O indicador fechou com alta média de 6,3% em 2010. Na Era Lula, a média de aumento foi de 6,7%. Ano passado o calote cresceu na esteira da expansão do crédito e das medidas de incentivo ao consumo. O crédito no país chega hoje a R$ 1,7 trilhão, sendo 15% de consumo. Inflação acumula 6,01% em 12 meses INFLAÇÃO DOS ÚLTIMOS 12 MESES- O IPCA, índice usado nas metas do governo, caiu ligeiramente, no mês passado, para 0,80%, contra 0,83% em janeiro. Apesar do recuo, a inflação já acumula 6,01% nos ú1timos 12 meses, preocupando economistas, pois está mais próxima do teto da meta (6,5%). Com isso, o BC deve continuar subindo juros. SAMBÓDROMO VAZIO- Fazia muito tempo que o Sambódromo, desde quando foi inaugurado para o Carnaval de 1997, durante um carnaval todo, não ficava como ficou este ano: com as arquibancadas completamente vazias. Uma situação que quase fez o Rei Momo chorar, quando as lembranças lhes trouxeram as imagens dos populares querendo ver a sua escola passar. BLOCOS- A falta das escolas também influenciou nos blocos, este ano com muito menos garra que em outros, sem a empolgação e poucos brincantes, também atribuídos à desmotivação que tomou conta do carnaval em 2011. Segundo alguns observadores do carnaval aqui no Estado, fatores extra-carnaval também contribuíram para a situação. AUDIÊNCIA- O governador Camilo Capiberibe recebeu em audiência o prefeito de Macapá, Roberto Góes. O prefeito foi le-

var um documento, o qual denominou “Carta de Macapá”, ao governador e que pedia a retomada da parceria entre o Governo e a Prefeitura. O principal argumento é no número de habitante da cidade de Macapá que representa mais da metade da população do Estado. ACOMPANHADO- O refeito foi acompanhado dos vereadores do Município de Macapá e de vários auxiliares de primeiro escalão da Prefeitura. Todos estavam ansiosos pois já compreenderam que o Município não tem orçamento capaz de enfrentar as dificuldades da cidade. NÃO DISSE NADA- O governador Camilo Capiberibe não se comprometeu com nada, muito embora tenha se mostrado compreensivo com as dificuldades da Prefeitura e do prefeito, pois sabe das dificuldades que serão refletidas sobre a população. Para o governador, que também se disse em dificuldades na gestão do Estado, os estudos de parceria serão iniciados imediatamente. ESTRADAS- Continuam as rodovias estaduais apresentando problemas graves para os que precisam viajar para o interior do Estado. As chuvas que estão caindo na região estão deixando algumas dessas estradas intrafegáveis e sem condições de uso. Tem muitas pessoas que evitando viajar devido a esses problemas. BR-156- A BR-156 está também com grandes problemas. Os trechos que foram recuperados recentemente ainda estão sem sinalização e os trechos em terra que foram praticamente destruídos entre Calçoene e Oiapoque, ainda não estão totalmente recuperados aumentando as dificuldades nas viagens. Essa situação tem indicado que viagens pra o norte do Estado apenas em carros especiais. SEGURANÇA PÚBLICA- A estratégia montada pela área de segurança pública do Estado está dando os resultados esperados. O policiamento preventivo e a disponibilidade de para o atendimento rápido do cidadão, está dando o resultado esperado. É a primeira oportunidade de testar o sistema de segurança pública depois da entrada de mais de 40 delegados de polícia no ano passado. ESCALA EXTRA- O que ainda prejudica o sistema é a adoção da chamada “escala extra” para os policiais, tanto militares como civis, serviço pelo qual, apesar de ser extra, não há qualquer compensação para o trabalhador. Fica como cooperação para o patrão, o Governo, que poderia evitar isso e pagar os trabalhadores – os policiais. BANANA- Nós, brasileiros mesmo longe dos dias oficiais de samba, somos o país que mais produz e consome bananas. Falou em banana, falou com a gente. E não vamos à banana em busca de mera satisfação do paladar. Os mais esclarecidos, um número cada vez maior em nossas terras, sabe que a banana é pródiga em vitaminas A e C, fibras e potássio.


Economia

Jornal do Dia

Editor responsável :Alessandra Lameira < alessandralameira@hotmail.com

Dez clubes irão disputar o Amapaense 2011

Divulgação

Macapá-AP, terça e quarta-feira, 08 e 09 de março de 2011

Novidades no treino do Remo para jogo decisivo Wellington que ainda nem estreou foi um dos destaques do treino Mario Tomaz

Da reportagem

O

A Federação deverá marcar reunião para esta sexta-feira a fim de definir a tabela da competição e como serão realizados os jogos. Clube Atletico Cristal já confiermou sua presença no campeonato.

Em cima da hora dirigentes definiram pela participação na competição Mario Tomaz

Da reportagem

D

ez equipes se inscreveram para o Campeonato de Profissionais deste ano. O prazo final encerrou na sexta-feira, 19 horas e no protocolo da FAF estiveram o Trem Desportivo Clube, o Clube Atlético Cristal, o Independente Esporte Clube, o Santana Clube, o Oratório Recreativo Clube, o Mazagão Atletico Clube, o Ypiranga Clube, o São José, Santos Futebol Clube e São Paulo.

O certame está previsto para iniciar no dia 22 de maio e o campeão representará o Amapá na Copa do Brasil e no Campeonato Brasileiro da Série D. A Federação deverá marcar reunião para esta sexta-feira a fim de definir a tabela da competição e como serão realizados os jogos. A previsão é de que quintas e domingos sejam os dias de jogos do certame amapaense nesta temporada. O diretor técnico da FAF, Rõmulo Simões declarou que todos os detalhes do campeonato neste foram discutidos previamente por representantes de clubes profissionais, imprensa e federação e portanto não há necessidade de se dizer que houve decisão vertical da entidade e que o presidente Roberto

Góes atendeu o pedido dos clubes para que fossem tomadas estas medidas “E portanto, ficamos certos de que nada mais é uma ação conjunta de todos a realização deste evento e se houver críticas que seja para o próprio dirigente que sabia o que estava verificando antes da aprovação, o que esperamos nem acontecer porque somos pessoas adultas e donas de nossos objetivos”, comentou. Expectativa. O Clube Atlético Cristal, que geralmente contrata jogadores a nível nacional é a grande expectativa desta temporada, justamente porque conquistou campeonato e depois desapareceu. O fiasco da Série D ao comando do presidente Edson, que

mesmo a gente tentando, não nos atendeu pelo fone (96)84028571 vive um momento de transformação já que o dirigente havia anunciado que se o clube disputasse o certame deste ano seria por ter um grande patrocinador. Vale lembrar que o Cristal foi deixado pelo promotor Moisés Rivaldo com estrutura de qualidade, jogadores de contrato de um ano, material para treino, roupas de viagens, bagagens personalizadas e outros. Independente e Mazagão. Duas grandes potências do futebol amapaense por suas terem torcidas enlouquecidas e com muitos atrativos. O Independente de cara nova, com o empresário Mario Brandão e o Mazagão com o prefeito Marmitão, que sempre foi um desportista nato.

Ypiranga e São José: rivalidade que precisa ser preservada Divulgação

Falta de participação em disputas faz com que outros clubes crescam na opinião pública

Y

piranga e São José fazem do futebol amapaense um dos destaques a nível nacional em termos de confrontos. O clássico da rivalidade motivou noristas e sulistas em torno destas duas equipes, mas ao longo dos anos, esse fator foi deixado de lado por alguns dirigentes. Fato que motivou outros clubes a crescerem em seus investimentos e conquistarem novos torcedores no Estado como é o caso de Trem, que hoje disputa Copa do Brasil e Brasileiro, Cristal. Mas, neste ano, quem tiver amor por um destes dois clubes pode vestir sua camisa e se preparar porque além de confirmados, prometem fazer deste amapa-

A6

destaque no treino coletivo realizado ontem de manhã, no Baenão, foi um jogador que ainda vive as expectativas de fazer o seu primeiro jogo com a camisa remista. O atacante Wellington Silva entrou no segundo tempo na equipe titular, ele marcou dois dos três gols do time. Em um deles, o jogador passou pelo goleiro e fez; no outro, Wellington marcou de cabeça, arrancando aplausos dos dirigentes do clube, o ‘cinturão de aço’ azulino, que assistiu ao trabalho comandado pelo técnico Paulo Comelli.

No coletivo realizado durante a semana, Wellington Silva também já havia deixado a sua marca. As boas atuações dele nos últimos dois treinos coletivos renderam elogios por parte do comandante do time, que deve utilizá-lo durante o segundo tempo da partida em Cametá na vaga de Ró, que também fez gol no coletivo. Wellington Silva chegou ao Leão no final de dezembro com fama de goleador, devido às boas atuações dele com a camisa do Paraná (PR). No Remo, contudo, ele atuou apenas em alguns minutos das partidas disputadas no Torneio de Paramaribo. No retorno do time, Wellington sofreu uma contusão no tendão, que o deixou em tratamento no departamento médico do clube por mais de um mês. Nas duas últimas duas rodadas, o jogador vem sendo relacionado para as partidas, mas ainda não entrou no time.

No papão disse-me-disse causa incõmodo em jogadores Presidente Luiz Omar disse que há interesse pro trás do problema Mario Tomaz

Da reportagem

A

lista não era a oficial da diretoria do Paysandu. Essa foi a justificativa para reduzir de onze para sete o número de atletas que, não fazem mais parte do elenco o profissional do clube. Depois da divulgação, em todo imprensa esportiva, com uma quantidade suficiente para formar um novo time, a diretoria do Papão tratou de desmentir parte da lista negra. Ontem, por meio de um comunicado da assessoria de imprensa, o clube agradeceu aos demitidos pelo tempo de serviços prestado. O pronunciamento finaliza assim: ‘esclarecendo que a lista que foi di-

vulgada não foi fornecida pela Diretoria do Clube, não podendo assim ser considerada’. Dessa forma, quatro dos ‘mortos’ voltaram à ‘vida’. Rafael Lima, Elton Lira, Alisson e Ney Baiano saíram da lista. Ontem, eles até treinaram normalmente nos dois períodos de trabalho. Já os outros permaneceram liberados, casos de Hadson e Álvaro, laterais-esquerdos; Tinoco, Cristiano Laranjeira e Wesley Soeiro, zagueiros; Vaninho, meio-campo; Clayson Rato, atacante. O presidente do Paysandu Luiz Omar garantiu que esses são os nomes dos dispensados e chamou a primeira lista de falsa. “Não passava de especulações ditas por algum funcionário do Paysandu que não tinha respaldo para isso”. Omar afirma que os quatro jogadores seguem com chances. “Esses jogadores, por enquanto, estão fora de forma para encarar noventa minutos. Vamos prepará-los para ficarem a disposição do técnico”, contou o presidente do bicola

CDES sugere que Autoridade Pública seja estendida à organização da Copa de 2014 O São José já se articula para a competição. ense uma competição valorizada. O investimento dos dois clubes gira em torno de 1,5 milhão e a contratação de jogadores é esperada com grande ansiedade. O Ypiranga, do presidente Edinho Duarte renovou com seus conselheiros e trouxe a velha guarda pra dentro do clube além de novos pa-

trocinadores “Meu objetivo aqui é ver a família ypiranguista fortalecida e vamos entrar neste ano conquistar o título da temporada”, lembrou o presidente Edinho Duarte. O São José já se articula para a competição. O presidente Vicente Cruz, que foi um dos grandes jogadores do futebol amapaense está

acertando com um grande treinador. Na lista Jasson Rodrigues, Jonas Duarte e Flávio Barros, que hoje defende o Araripina. O clube pretende voltar ao título do Estadual e montar um grande programação para 2012, principalmente no que se concerne a volta de torcedores e promoção de novos. Mario Tomaz

O

Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social (CDES), órgão ligado à Presidência da República, quer que as atribuições da Autoridade Pública Olímpica (APO) sejam estendidas à organização da Copa do Mundo de 2014. Para tanto, entregou ontem (1º) à presidenta Dilma Rousseff um parecer contendo as sugestões da entidade para os dois eventos. O documento

sugere uma “pactuação de regime diferenciado de licitação e de contratos e procedimentos ágeis para licenciamento de obras e instalações”, e ressalta a importância de se divulgar permanentemente o estágio das construções de arenas para a Copa de 2014, bem como apresentar um balanço dos riscos que os atrasos nas obras podem causar para a Copa das Confederações em 2013. FolhaPress


Mundo

Jornal do Dia

Editora responsável : Túlio Pantoja< tuliopantoja@hotmail.com

A7

Macapá-AP, terça e quarta-feira, 08 e 09 de março de 2011

Líbia: ONU pede US$ 160 milhões para vítimas do conflito

Argélia: Milhares de guardas vão às ruas por aumento salarial

s agências humanitárias da ONU (Organização das Nações Unidas) fizeram hoje um pedido para arrecadar US$ 160 milhões (R$ 265 milhões) para ajudar os deslocados pelos confrontos na Líbia. “Em resposta à atual crise na Líbia, que provocou a entrada milhares de pessoas nos países vizinhos como Tunísia, Egito e Níger, a ONU, a Organização Internacional para Migrações (OIM) e as agências associadas fazem um apelo regional urgente”, afirma um comunicado oficial. O apelo inclui 17 organizações de ajuda humanitária, entre elas a Organização Mundial da Saúde (OMS) e o Programa Alimentar Mundial (PAM). O dinheiro servirá, segundo a ONU, para atender as necessidades de cerca de 1 milhão de pessoas afetadas -dentro e fora da Líbia- por três meses. Deste valor, US$ 49,2 milhões foram requisitados pela OIM para ajudar 65 mil trabalhadores estrangeiros na Líbia. “E isso atingirá apenas a superfície”, alertou a portavoz Jemini Pandya. Ele afirmou que mais de 213 mil trabalhadores estrangeiros fugiram da violência

ilhares de guardas comunais, corpo paramilitar que integra a polícia nas cidades argelinas, marcharam até a sede do Parlamento em Argel, capital da Argélia, para exigir aumento salarial. Os manifestantes, mais de 10 mil segundo os organizadores, se reuniram na Praça dos Mártires, no centro de Argel, e conseguiram chegar à sede da Assembleia Nacional. Os guardas comunais, muitos deles mutilados ou com ferimentos provocados pelo combate ao terrorismo, ocuparam a ampla avenida colonial diante da orla, interditada para tráfego em ambos os sentidos. “Estamos fartos de promessas. Cumprimos nosso dever nacional, onde estão nossos direitos?”, gritavam os guardas comunais, muitos deles em idade avança-

A

e centenas de milhares ainda tentam sair. As estimativas apontam que havia 1,5 milhão de trabalhadores estrangeiros na Líbia antes da eclosão da revolta, em 15 de fevereiro.

Com a fuga em massa de estrangeiros na Líbia, as agências humanitárias têm tido dificuldade de abrigar as milhares de pessoas que cruzam diariamente as fronteiras do

país. Muitos estão em acampamentos improvisados, sem infraestrutura e com uma porção diária de comida. Folhapress

Terremoto de 6,2 graus na escala Richter atinge Norte do Chile

U

m terremoto de 6,2 graus na escala Richter atingiu ontem (7), pela manhã, o Norte do Chile. Não há registros, por enquanto, de vítimas nem de danos mais graves, segundo o Escritório Nacional de Emergência do Ministério do Interior chileno (Onemi). O terremoto foi percebido nas regiões de Ari-

ca, Tarapacá e Parinacota, na fronteira com o Peru e a Bolívia. Há relatos de que houve pânico entre a população que, no momento dos tremores, participava da missa de domingo. De acordo com o Serviço de Sismologia da Universidade de Chile, desde o último dia 27, ocorrem tremores no

país. A magnitude dos terremotos varia de 3 graus na escala Richter até 6,2 graus. De acordo com especialistas, a região sofre frequentemente com os abalos sísmicos em decorrência de sua localização geográfica. O pior terremoto dos últimos 50 anos no Chile ocorreu em 27 de feve-

reiro de 2010. Na ocasião, a intensidade do tremor foi 8 graus na escala Richter. Cerca de 600 pessoas morreram e centenas de prédios públicos e privados vieram abaixo. Até ontem, o governo do presidente chileno, Sebastián Piñera, trabalha na reconstrução das áreas afetadas. Folhapress

Em fase de mudanças internas, Egito escolhe novo chanceler para substituir aliado de Mubarak

O

Conselho Supremo das Forças Armadas do Egito escolheu ontem (7) o novo ministro das Relações Exteriores do país. Nabil Al Arabi assume a função depois de quase um mês que o ex-presidente Hosni Mubarak deixou o poder e o grupo de militares assumiu o co-

mando egípcio, instituindo um governo provisório. Arabi assume com ordens para iniciar um processo de remodelação governamental. O conselho demitiu, na semana passada, o primeiro-ministro Ahmad Shafiq, substituindo-o por Essam Sharaf. Sharaf é bem avaliado pelo

governo provisório e conta com a simpatia dos jovens egípcios. A partir da nomeação de Sharaf passaram a ser feitas alterações na composição do governo. Arabi substitui Mohamed Abul Gheit, que era próximo de Mubarak. Na semana passada também foi anunciado o nome do novo

E

posição brasileira. Parte da comunidade internacional, liderada pelos Estados Unidos, pela Inglaterra e França, defende a intervenção ou exclusão aérea – que determina que o espaço aéreo líbio fique sob supervisão de militares estrangeiros – para pressionar a renúncia do presidente da Líbia, Muammar Khadafi. No entanto, Brasil e Índia só chancelam a proposta em meio à decisão do Conselho de Segurança Nacional. Na visita a Nova De-

lhi, Patriota conversou também com o ministro dos Negócios Estrangeiros indiano, S. M. Krishna, que reiterou que, a exemplo do Brasil, a Índia é defensora da ampliação do Conselho de Segurança para que brasileiros e indianos também integrem o órgão. Ambos se comprometeram a intensificar as articulações sobre o assunto. As conversas sobre a reforma do Conselho de Segurança e o incremento das relações comerciais na região fazem parte da 7ª Reunião

Imigrantes do norte da África desembarcam em ilha italiana

M

ais de 1.000 imigrantes ilegais vindos do norte da África chegaram ontem à noite e na madrugada de hoje -em um total de 11 desembarques- à ilha italiana de Lampedusa, extremo sul do continente europeu. A Guarda Costeira italiana realizou diversas ações durante toda a noite para socorrer e acompanhar as diferentes embarcações. Segundo a imprensa italiana, entre os imigrantes há quatro mulheres e está sendo verificada a presença de menores de idade. A chegada destas embarcações se soma ao

resgate de outra, durante a madrugada de sábado, na qual viajavam cerca de 30 pessoas, duas das quais estão desaparecidas após caírem no mar. A ilha de Lampedusa recebeu uma grande onda migratória no último mês devido à proximidade com a costa africana, região que vive um período de grande crise. O pico de chegadas a Lampedusa aconteceu entre 12 e 13 de fevereiro, quando desembarcaram mais de 5 mil imigrantes em situação ilegal, o que levou a Itália a pedir a ajuda da União Europeia (UE) para enfrentar a situação. Folhapress

Oposição lança nova batalha contra Gaddafi

ministro do Interior, Mansour Al Issaoui. O ministro da Cultura do Egito, arqueólogo Zahi Hawass - que alertou para as pilhagens dos sítios arqueológicos egípcios durante a revolução - anunciou que vai deixar o atual governo. Ainda não foi definido seu sucessor. Folhapress

Brasil só apoiará intervenção internacional na Líbia com aval da ONU, reitera Patriota m viagem à Índia e ao Sri Lanka, o ministro das Relações Exteriores, Antonio Patriota, ratificou ontem (7) que o Brasil só apoiará uma intervenção internacional na Líbia se houver o aval do Conselho de Segurança das Nações Unidas. O porta-voz do Itamaraty, Tovar Nunes, que acompanha Patriota, disse ainda à Agência Brasil que o assessor de Segurança Nacional da Índia, Shivshankar Menon, afirmou que os indianos também têm a mesma

M

da. O corpo de guardas comunais foi criado em 1994 para ajudar no combate ao terrorismo nas zonas rurais da Argélia. Após a relativa diminuição dos atentados terroristas nos últimos anos, o governo argelino decidiu reorganizar seu sistema. Na semana passada, o ministro do Interior argelino, Dahou Ould Kablia, anunciou aos representantes dos guardas comunais um plano de reorganização, que contempla a distribuição de alguns agentes nas forças regulares do Exército e a incorporação de outros como agentes de segurança municipais. A Guarda Comunal conta atualmente em todo o país com cerca de 94 mil agentes. Desde 1994, houve 4.600 mortos e milhares de feridos em suas fileiras. Folhapress

da Comissão Mista Ministerial do Fórum de Diálogo Índia-BrasilÁfrica do Sul (Ibas), marcada para este ano. O Brasil é o maior parceiro comercial da Índia na América Latina, sendo que os indianos são o 4º maior parceiro comercial dos brasileiros na Ásia - depois de China, Japão e Coreia do Sul. O intercâmbio comercial entre o Brasil e a Índia mais do que triplicou nos últimos cinco anos, passando de US$ 2,3 bilhões, em 2005, a US$ 7,7 bilhões , em 2010. Folhapress

E

m meio a rumores cada vez mais concretos de uma intervenção militar na Líbia, o ditador Muammar Gaddafi alertou hoje que a nação africana é uma parceira crucial no combate à rede terrorista Al Qaeda e no combate a onda de imigração ilegal na Europa. “A Líbia tem um papel para a estabilidade internacional”, afirmou Gaddafi, em entrevista ao canal de TV France 24, antes de advertir que “se espera que a Líbia impeça que milhares de negros atravessem o Mediterrâneo para ir à Europa, à Itália ou à França”. Gaddafi também afirmou que a mídia interna-

cional tem criado uma imagem distorcida da violência na Líbia nas últimas semanas. Ele nega que a revolta seja popular e acusa a Al Qaeda de ter influenciado os jovens a tentar derrubar seu regime. Enquanto isso, suas forças ampliam a ofensiva e bombardearam hoje a região do estratégico porto petroleiro de Ras Lanuf, leste do país, controlada pelos rebeldes, que responderam com disparos de artilharia. As forças governistas enfrentaram ainda os rebeldes em Bin Jawad, em um confronto que deixou ao menos 12 mortos, segundo fontes locais. Folhapress


FláviaDias

Jornal do Dia

Flávia Dias < flaviadias@jdia.com.br

Macapá-AP, terça e quarta-feira, 08 e 09 de março de 2011

Sebrae homenageia colaboradoras pelo Dia Internacional da Mulher

O

Sebrae Amapá prestou homenagem as colaboradoras pelo Dia Internacional da Mulher, que é celebrado no dia 8 de março, porém foi antecipada em decorrência do feriado de carnaval, que será na próxima terça. Cada colaboradora recebeu uma rosa das mãos dos dirigentes e dos funcionários da Instituição, além de se confraternizarem num singelo

café da manhã promovido pelo Projeto Qualidade de Vida. Segundo a gestora de projetos do Sebrae, Renê Barbosa, a homenagem faz parte de ações que promovem a melhoria no ambiente trabalho e relacionamento organizacional, proporcionando bem-estar aos colaboradores da Instituição. “O projeto trabalha na implementação de atividades com os temas, saúde,

Programação do cine imperator para esta semana

lazer, esporte e cultura, devidamente analisadas e organizadas de forma que possam ser adequadas ao calendário do Sebrae”, disse a gestora Renê Barbosa. Para ela, o mais relevante é envolver as pessoas, e gerar na organização, a participação e a integração dos colaboradores. A homenagem ocorreu no hall de entrada do Sebrae, às 8h. (Ana Barbosa)

F ique por dentro das estreias desta semana para o Cine Imperator. Confira as sessões disponíveis e a sinopse.

pelo dia internacional da mulher. Presidente do Conselho Deliberativo Estadual do Sebrae, Alfeu Adelino e a chefe de gabinete da diretoria técnica, Renata Nascimento

Dia internacional da mulher

H

oje, 8 de março, comemora-se o Dia Internacional da mulher, e para celebrar esta data que abrange mães, amigas, irmãs, tias, namoradas, ou seja, mulheres, a coluna traz uma pequena parte do texto “8 de Março” de Sandra Mamede. Feliz Dia Internacional da Mulher!

pelo dia internacional da mulher. Equipe de colaboradoras da Imobiliária Altair Pereira Imóveis, têm em seu quadro 70% de mulheres, que hoje faz questão de agradecer e parabenizar.

O

dia internacional da mulher. A deputada estadual Telma Lúcia Gurgel, parabeniza todas as mulheres amapaenses pelo seu dia.

O Ritual: “Michael Kovak (Colin O’Donoghue) é um seminarista cético e decidido a abandonar seu caminho na igreja, mas seu superior o orienta a passar um período no Vaticano para estudar rituais de exorcismo. Uma vez lá, suas dúvidas e questionamentos só aumentam na medida em que seu contato com o Padre Lucas (Anthony Hopkins), um famoso jesuíta exorcista, o apresenta o lado mais obscuro da igreja. É quando ele conhece a jornalista Angeline (Alice Braga), que investiga as atividades do religioso, e as suas reflexões sobre a crença no diabo e em Deus nâo param de crescer.” Sessões: 16h30, 19h e 21h30;

SENAI realiza curso em parceria com o Sebrae e Aspams

Senai Amapá está realizando em parceria com o Sebrae e a Associação de Panificadores de Macapá e Santana (Aspams), o primeiro curso do ‘Projeto Piloto de Capacitação em Panificação e Confeitaria – Formando Novos Talentos’. As inscrições estão sendo realizadas na sede da Aspams, até o dia 10 de março, das 08 às 12h, ao custo de R$ 30 reais. O curso, que contempla jovens com idade entre 16 e 25 anos, de ambos os sexos, com escolaridade completa ou incompleta, do ensino fundamental, médio e superior, acontecerá no período de 14 de março a 30 de junho, no Senai. (Ascom)

A8

pelo dia internacional da mulher. Matriarca da família Pereira Irene Pereira (fundadora do JD) e a filha Heleni Martins. Parabéns pelo seu dia!

Dia internacional da mulher

N

a verdade, a mulher não precisa de um dia específico, de uma data pré-estabelecida, o seu dia, são todos os dias, pois estão vivas e são atuantes independentemente de dia, na verdade, nunca têm folga! As mulheres, sempre foram discriminadas, sempre estiveram em segundo lugar na escala de valores, e tudo isso se deve a esse regime patriarcal e machista em que vivem. Mas apesar disso tudo, elas estão cada vez mais conquistando o seu espaço e o seu lugar na sociedade. Ela deve saber transformar a rotina do seu dia-a-dia, numa sucessão de novidades e descobertas, nunca desistindo dos seus sonhos. Mesmo quando estiver fraca, deve se mostrar forte e lutar sempre pela sua independência. Deve de tudo tirar uma lição de otimismo, pois em cada erro que ela cometer, é um ganho de experiência, para se transformar numa tentativa de um futuro acerto, pois errando, se aprende também. Deve ser resistente nas intempéries da vida, pois ela própria é vida, tem vida e gera vida, sendo assim, sabe a noção exata do que significa a palavra “AMOR” e “AMAR”. Por isso tudo, viva a mulher, não somente no dia 8 de março (dia da mulher), não somente no segundo domingo do mês de maio (dia das mães), não somente no dia das avós (que é mãe e mulher duas vezes), Mas sim, viva a mulher, todos os dias, todas as horas, todos os minutos e todos os segundos, porque a “mulher” é sempre “mulher” todo o tempo. (Sandra Mamede)

O Vencedor: “Dicky Ecklund (Christian Bale) é uma lenda do boxe que desperdiçou o seu talento e a sua grande chance. Agora, o seu meio-irmão Micky Ward (Mark Wahlberg), tentará se tornar uma nova esperança de campeão e superar as conquistas de Dicky. É a cinebiografia do boxeador Mickey “Irish” Ward, um dos maiores nomes do esporte nos anos 80.” Sessões: 19h10; Caça às Bruxas: “Behmen (Nicolas Cage) é um cavaleiro que, depois de vários anos lutando nas Cruzadas, perdeu algumas batalhas, muitos amigos e até a fé. De volta à sua terra natal, ele encontra uma Europa devastada pela fome e a peste negra. Neste cenário de destruição ele se une a um grupo de guerreiros encarregados de levar uma garota, suspeita de ser bruxa, para um monastério distante. Não leva muito tempo até que o grupo perceber que a jovem possui forças sobrenaturais, e que eles estão prestes a enfrentar um mal além da nossa compreensão.” Sessões: 21h30;

dia internacional da mulher. Equipe Médica da Clinica Pela Vida

dia internacional da mulher. A jovem Jéssica Thaynara foi a vencedora do Concurso Rainha das Rainhas do Carnaval Amapaense 2011 e esbanjará beleza e simpatia em seu reinado

dia internacional da mulher. As amigas Rayssa Thainá e Adenacia Teles

Besouro Verde: “Britt Reid (Seth Rogen) é o filho do magnata da mídia mais importante e respeitado de Los Angeles, vivendo uma vida perfeitamente feliz e irresponsável de farras. O panorama muda quando seu pai (Tom Wilkinson) morre misteriosamente, deixando seu vasto império para Britt. Estabelecendo uma improvável amizade com um dos funcionários mais dedicados e geniais de seu pai, Kato (Jay Chou), eles veem a chance de fazer algo significativo pela primeira vez em suas vidas: combater o crime. Mas para fazer isso, decidem se tornar foras da lei – eles zelam pela lei infringindo-a, e Britt se transforma no vigilante Besouro Verde, patrulheiro das ruas, ao lado de Kato.” Sessão: 16h30;


DiaDia

Jornal do Dia

Editor responsável : Alessandr Lameira < alessandralameira@jdia.com.br

B1

Macapá-AP, terça e quarta-feira, 08 e 09 de março de 2011

Seguro paga indenizações de até R$ 13,5 mil para vítimas de acidentes Sindicato dos Corretores de Seguros dá orientações gratuitas aos envolvidos Janderson Cantanhede Da reportagem

A

folia do carnaval nem sempre é sinônimo de alegria e diversão. Principalmente quando os brincantes misturam álcool e direção. Nessas horas, quando o acidente acontece, muitos dos envolvidos acabam não sabendo que providências tomar. “A maioria das pessoas desconhece os direitos que possuem. Todos os envolvidos em um acidente de trânsito têm direito a um seguro obrigatório, que é uma indenização que vai até R$ 13,5 mil por óbito, tem a cobertura por invalidez parcial ou total por acidentes, além da cobertura de despesas médicas hospitalares que chega a R$ 2,7 mil”, explicou o diretor financeiro do Sindicato dos Corretores de Seguros (Sinco/AP), Ulisses Fi-

lho. Ele ressalta que as vítimas de acidentes só têm direito ao custeio das despesas médicas se fizerem o tratamento particular. “O reembolso pode ser para cirurgias, tomografias computadorizadas, entre outros”, completou. Se as vítimas optarem pelo atendimento nos hospitais do SUS ou conveniados à saúde pública a própria seguradora é quem vai se encarregar de pagar diretamente ao hospital. Para dar entrada no seguro, é necessário o Boletim de Ocorrência, a perícia do corpo de delito, e os demais documentos que é o comprovante de residência, CPF, Carteira de Identidade e o número de uma conta para receber os valores da indenização. Todas essas orientações são dadas às vítimas de forma gratuita, pelo Sindicato dos Cor-

retores. Esse trabalho social é desenvolvido em parceria com o Ministério Público, através da Promotoria do Consumidor. “Nosso sindicato não cobra nada para dar essas orientações às vítimas de acidentes. É diferente se você for dar para um advogado tomar conta do caso, que por direito ele vai cobrar os honorários. Os atendimentos que antes eram de cinco pessoas ao mês, hoje chegam a quarenta atendimentos mensais. O tempo estimado para receber a indenização é de 30 a 45 dias, o que é considerado bastante ágil se comparado às vias judiciais que levam um pouco mais de tempo. O Sinco/AP está localizado na Ataide Teive, 230, Sala E, bem em frente a Praça Floriano Peixoto. O horário de atendimento é de 8 às 14, de segunda a sextafeira.

arquivo jd

Se as vítimas optarem pelo atendimento nos hospitais do SUS ou conveniados à saúde pública a própria seguradora é quem vai se encarregar de pagar diretamente ao hospital

Confraria Tucuju quer realizar “Festival de Ladrão” A Confraria Tucuju está trazendo a proposta de realização do Festival de Ladrão de Marabaixo, com o intuito de resgatar tão importante característica histórica e cultural de nosso povo divulgação

O “ladrão”, é o verso cantado ao som das caixas de Marabaixo, assim chamado por roubar a privacidade e o sentimento dos integrantes da comunidade ou fato relevante ocorrido, formando assim, uma importante coletânea de registros históricos

A

observação dos eventos de Marabaixo, nossa maior manifestação cultural, principalmente no mês de abril, quando as comunidades dos Bairros do Laguinho, Favela e zona rural do município de Macapá realizam a Festa da Santíssima Trindade, Divino Espírito Santo e outros, nos leva a comprovar que uma das características marcante do ritual está de-

saparecendo, o “ladrão”. O “ladrão”, é o verso cantado ao som dos tambores ou caixas de Marabaixo, assim chamado por roubar a privacidade e o sentimento dos integrantes da comunidade ou fato relevante ocorrido naquele determinado momento, formando assim, uma importante coletânea de registros históricos, cantados, através dos ciclos da manifestação.

A Confraria Tucuju está trazendo a proposta de realização do Festival de Ladrão de Marabaixo, com o intuito de resgatar tão importante característica histórica e cultural de nosso povo. Atuando desta maneira, a entidade acredita estar intervindo de forma positiva no processo de reconhecimento das coisas e acontecimentos locais. Também será realizada a produção e

distribuição de um DVD do Festival. A intenção é estimular o retorno do improviso nas rodas de Marabaixo e também estimulando o aparecimento de novos talentos no interior dessas manifestações e assim contribuindo para o processo de fortalecimento e valorização da cultura e turismo amapaense (com informações da assessoria de comunicação)

Desfiles do Instituto Beira Rio ganha aprovação do público Franck Figueira Da reportagem

C

om o Carnaval sem escolas de samba em Macapá, os brincantes encontraram novos eventos do calendário carnavalesco. O município de Santana foi o caminho escolhido pela maioria dos amapaenses. Segundo os organizadores do evento, cerca de 50 mil pessoas passaram pelos corredores da Avenida Santana. “Foi um sucesso, a economia local foi aquecida com esses dias de folia, com certeza Santana foi a melhor opção de diversão do Estado”, disse um folião. Em Macapá, além dos tradicionais blocos carnavalescos da LIBA e ABLOCA, no Sambódromo, o folião macapaense encontrou uma opção a mais: os desfiles dos blocos do Instituo Beira -Rio. O evento ocorreu na Avenida Iracema Carvão Nunes, entre as ruas Cândido Mendes e São José, no Centro. De acordo com os brincantes, os desfiles do Instituto foi uma das grandes novidades do carnaval na cidade. Para a pedagoga Alice Braga, moradora do Centro da cidade, ressaltou que já era hora de criar um evento voltado a moradores das proximidades, uma vez que todos os anos o foco se concentra no Sambódromo. “Esse evento caiu muito bem para os moradores do Centro, mas também desvincula essa ligação com o carnaval do Sambódromo, porque o acesso é difícil, e muitos se arriscam para sair tão longe. A organização está de parabéns”, explica. O carnaval popular, marca do Instituto Beira Rio, reuniu 12 blocos nos dias 6 e 7. A concentração partiu da Praça da Bandeira, percorrendo pela Avenida FAB e parte da Rua Candido Mendes, até chegar no corredor da folia. Os desfiles do Instituto estavam marcados para a Praça do Coco, mas devido a demora com documentos, o desfiles mudaram de local. Para os organizadores, o evento veio para ficar de vez no calendário do carnaval macapaense. “Tivemos algumas dificuldades, mas graças a Deus deu tudo certo, e para o primeiro ano fomos muito bem. Esperamos que para o próximo ano os desfiles deva acontecer na Praça do Coco, e nosso evento já faz parte do calendário carnavalesco”, disse o diretor Rômulo Fernandes. Os desfiles iniciaram as 20h encerrando a 1h da manhã.


Dia-Dia

Jornal do Dia

Editor responsável : Marcelle Corrêa < marcellecorrea@jdia.com.br

B2

Macapá-AP, terça e quarta-feira, 08 e 09 de março de 2011

Abandono de obra gera transtorno a moradores Há anos os moradores da via solicitam reparos no local. A Avenida é a única do bairro que ainda não recebeu asfalto e serviços básicos de infraestrutura heverton mendes/jd

Ronda Policial João Bolero da 99,1 FM

POLICIAL MILITAR FAZ PARTO DENTRO DA VIATURA

Foi na madrugada desta segunda-feira, que uma Guarnição da PM do 2º Batalhão Comandada pelo SGT L. Carmo, ao socorrer uma senhora que estava em trabalho de parto, e já se encontravam no Bairro São Lázaro a caminho da Maternidade, acabou estourando a bolsa da parturiente, e foi o jeito o SGT e sua equipe fazerem o parto dentro da viatura, que aconteceu com sucesso. Após o parto, a criança e a mãe foram levadas para a Maternidade. Nome da parturiente: Maria Luciane da Silva Guedes (25).

AUTÔNOMO MORRE VÍTIMA ACIDENTE DE TRÂNSITO

Agentes de Saúde realizaram uma visita e constatou o que todos já sabiam: vários focos da dengue

Franck Figueira Da reportagem

A

pós inúmeras denuncias relatando as péssimas condições da Avenida General Osório, entre as ruas Hamilton Silva e Manoel Eudóxio, uma equipe da Semob iniciou a troca de uma tubulação no local. Porém, há duas semanas, as obras estão paralisadas e os transtornos se tornaram maiores para os moradores do trecho. A via está praticamente intrafegável, onde a grande quantidade de lama impe-

PM implanta novo projeto social Janderson Cantanhede Da reportagem

O

1º Batalhão da Polícia Militar do Amapá visando atuar de uma forma mais preventiva, principalmente no combate à violência e às drogas, criou uma unidade móvel de policiamento comunitário para atender exclusivamente os bairros do Araxá e Pedrinhas, inicialmente com uma viatura, três motocicletas e dezesseis policiais. E a PM continua investindo na preven-

de o tráfego até dos próprios moradores. “Esta difícil até para os veículos passarem aqui,se não tiver agilidade nessas obras, essa fica ficar interditada por completo”, disse a estudante Adriana Fernandes. Os moradores estão enfrentando obstáculos para uma simples ida ao comércio. “Desse jeito que está, iremos ficar trancafiados dentro de casa, alguém tem que fazer alguma coisa se não a coisa vai ficar mais feia do que tá, porque antes ainda dava pra andar, agora estamos encontrando muitas dificul-

dades”, lembra a professora. Há anos os moradores da via solicitam reparos no local. A Avenida é a única do bairro que ainda não recebeu asfalto e serviços básicos de infraestrutura. Um prédio abandonado localizada na esquina da via apresentava problemas no sistema de esgoto, que diariamente despejava a água fedida por toda a extensão da Avenida. Agentes de Saúde realizaram uma visita e constatou o que todos já sabiam: vários focos da dengue. “Ainda demoraram muito

para essa visita, todos que residem aqui sabia desse perigo”, confirmou um morador. O prédio recebeu uma notificação dos agentes. A área interna e externa do prédio recebeu serviços de limpeza, porém, uma montanha de lixo se formou no meio da pista. “Queremos apenas que a Prefeitura ou governo do Estado faça alguma coisa por essa rua, do jeito que está não tem condições”, salienta um morador. Moradores aguardam uma solução o mais rápido possível, uma vez que a situação se agrava com as chuvas.

ção. No mês passado foi feito o lançamento do projeto “Cidadão Comunitário” com o intuito de reduzir a violência envolvendo os jovens dentro da comunidade. Serão atendidas crianças e adolescentes com idade entre 11 e 15 anos com aulas de noções de cidadania, de resgate de valores familiares e culturais, além de atividades esportivas. Inicialmente serão abertas cinqüenta vagas. As aulas estão previstas para iniciar no dia 14 de março. Participaram da solenidade de implantação do projeto, os familiares, os alunos, além de autoridades, entre elas, o secretário Extraordinário de políticas

públicas para a Juventude, Alex Nazaré, e o deputado estadual Balieiro (PSB) que apoia os projetos sociais da PM. “É importante que um deputado participe e acompanhe de projetos como este porque eles contribuem e estimulam o jovem a buscar uma melhor qualidade de vida, prevenindo que ele depois possa procurar outros caminhos como os das drogas e da violência. Esse projeto é um investimento na educação do cidadão. Além do mais é meta do governador Camilo Capibaribe trabalhar essa filosofia de polícia comunitária, com o trabalho preventivo, interativo, humanizado. E eu como mili-

tar experiente quer somar com iniciativas como essa” disse Balaieiro. As atividades vão ser realizadas na Base Comunitária do Araxá. Também serão feitas palestras nas escolas dos bairros. Segundo o sub Tenente Gurjão, coordenador do Cidadão Comunitário, o projeto traz vários benefícios para a sociedade, pois ajuda a qualificar e preparar o jovem para o mercado de trabalho, contribui para o fortalecimento da base familiar e para uma maior aproximação da PM com a comunidade, e possibilita também a qualificação do próprio policial militar, pois o torna um profissional melhor para a instituição e comunidade.

O significado da quarta-feira de cinzas

C

om a imposição das cinzas, se inicia uma estação espiritual particularmente relevante para todo cristão que quer se preparar dignamente para viver o Mistério Pascal, quer dizer, a Paixão, Morte e Ressurreição do Senhor Jesus. Este tempo vigoroso do Ano litúrgico se caracteriza pela mensagem bíblica que pode ser resumida em uma palavra: “ matanoeiete”, que quer dizer “Convertei-vos”. Este imperativo é proposto à mente dos fiéis mediante o austero rito da imposição das cinzas, o qual, com as palavras “Convertei-vos e crede no Evangelho” e com a expressão “Lembra-te de que és pó e para o pó voltarás”, convida a todos a refletir sobre o dever da conversão, recordando a inexorável caducidade e efêmera fragilidade da vida humana, sujeita à morte. A sugestiva cerimônia das cinzas eleva nossas mentes à realidade eterna que não passa jamais, a Deus;

princípio e fim, alfa e ômega de nossa existência. A conversão não é, com efeito, nada mais que um voltar a Deus, valorizando as realidades terrenas sob a luz indefectível de sua verdade. Uma valorização que implica uma consciência cada vez mais diáfana do fato de que estamos de passagem neste fadigoso itinerário sobre a terra, e que nos impulsiona e estimula a trabalhar até o final, a fim de que o Reino de Deus se instaure dentro de nós e triunfe em sua justiça. Sinônimo de “conversão”, é assim mesmo a palavra “penitência” …Penitência como mudança de mentalidade. Penitência como expressão de livre positivo esforço no seguimento de Cristo. Tradição Na Igreja primitiva, variava a duração da Quaresma, mas eventualmente começava seis semanas (42 dias) antes da Páscoa. Isto só dava por resultado 36 dias de jejum (já que se excluem os domingos). No século VII foram acrescentados quatro dias antes do primeiro domingo da Quaresma

estabelecendo os quarenta dias de jejum, para imitar o jejum de Cristo no deserto. Era prática comum em Roma que os penitentes começassem sua penitênica pública no primeiro dia de Quaresma. Eles eram salpicados de cinzas, vestidos com saial e obrigados a manter-se longe até que se reoconciliassem com a Igreja na Quinta-feira Santa ou a Quinta-feira antes da Páscoa. Quando estas práticas caíram em desuso (do século VIII ao X) o início da temporada penitencial da Quaresma foi simbolizada colocando cinzas nas cabeças de toda a congregação. Hoje em dia na Igreja, na Quartafeira de Cinzas, o cristão recebe uma cruz na fronte com as cinzas obtidas da queima das palmas usadas no Domingo de Ramos do ano anterior. Esta tradição da Igreja ficou como um simples serviço em algumas Igrejas protestantes como a anglicana e a luterana. A Igreja Ortodoxa começa a quaresma desde a segunda-feira anterior e não celebra a Quarta-feira de Cinzas.

DE

Morreu por volta das 10h15min de sábado passado, no H.G.M, o autônomo THIAGO TENÓRIO SOUTO, 22 anos. No último dia 18 de fevereiro, quando ele conduzia uma moto de placa NES-1088, próximo ao canal, foi desviar de um bêbado e acabou capotando, sofrendo várias fraturas pelo corpo, ficou internado durante esse tempo, mas não resisitiu e veio a óbito.

AUTÔNOMO É LIQUIDADO LARANJAL DO JARI

NO

DEIVE MAUCIN OLIVEIRA, 35 anos, foi assassinado por volta das 23:00h de sábado passado, com um tiro de espingarda, fato ocorrido na Rua Usina, bairro Malvinas, Laranjal do Jari. Até agora, nenhuma testemunha apareceu, o que vai dificultar o trabalho da Polícia, para chegar até o acusado.

CARNAVAL COM SANGUE LARANJAL DO JARI

EM

A festa da Rainha do Carnaval em Laranjal do Jari, foi marcada por um homicídio que aconteceu na praça onde se realizava o Carnaval do Povo. E o resultado da eleição para a escolha da mais bela, terminou em discussão e morte, quando por volta das 02h30min de domingo, o WANDERSON BATISTA DA COSTA, 20 anos, e o ABRAÃO FERREIRA BARROSO DA COSTA, 20 anos, discutiam por causa do resultado, e o Abraão puxou uma faca que usava na cintura, aplicando várias facadas no Wanderson, que morreu na hora. O criminoso ainda tentou fugir, mas foi preso por uma Guarnição da PM, Comandada pelo SGT Silva Rocha.

AUTÔNOMO É LIQUIDADO A FACADAS E A PAULADAS NO ZERÃO Mais um homicídio na Zona Sul da Cidade. Desta vez a vítima foi o autônomo JUVENAL CARNEIRO DE VASCONCELOS, 33 anos, que caminhava por volta das 04h17min de domingo passado, na Rua Luiz Orlando Dias, quando foi atacado por três homens armados de facas e paus. O Juvenal morreu no local. Até agora, os acusados não foram presos. A polícia suspeita de latrocínio ou acerto de contas.

EX -DETENTO DO IAPEN É EXECUTADO A BALA NO BURITIZAL Foi por volta das 00h10min de hoje que aconteceu mais um homicídio na Capital, mas precisamente na Rua Claudomiro de Moraes com Maria Quitéria, quando o SERGIO FABRÍCIO PAES PINTO, 32 anos, ex detento, foi fuzilado com três tiros de revólver a queima roupa, por um motoqueiro que fugiu após o crime. Até agora, ninguém foi preso.

POLICIAL PRENDE SEIS ACUSADOS DE MATAR UM SEXAGENÁRIO NA ROD. MCP/JARI A Polícia Civil do Serviço de Inteligência, prendeu cerca de seis homens no último sábado, acusados de participarem do crime de homicídio que foi vítima o comerciante MANOEL PEDRO, 64 anos, quando no dia 21 de fevereiro, foi vítima de uma cilada, ao trafegar em sua Kombi na Rod. MCP/JARI e próximo ao Igarapé do Lago, foi rendido e assassinado por uma quadrilha. A Polícia constatou que dois dos acusados eram mandantes do crime e quatro executaram a vítima, tendo também como acusado o enteado do Manoel que no momento do crime era passageiro da


DiaDia

heverton mendes

Editor responsável : Marcelle Corrêa < marcellecorrea@jdia.com.br

Jornal do Dia

B3

Macapá-AP, terça e quarta-feira, 08 e 09 de março de 2011

Faça você mesmo a sua fantasia! O Carnaval já chegou! A Banda é hoje. Qual fantasia usarei? Já que não você não querw gastar dinheiro comprando ou alugando. Siga alguns exemplos e faça você mesmo a sua fantasia com o que você tem no guarda roupa

V

eja o que você tem guarda-roupa, ou empreste da vizinha ou até mesmo retalhos da costureira. Coisas práticas e fáceis de

fazer com o que se tem em casa, para você ficar bonito e brincar o Carnaval seguindo o seu estilo e o melhor: sem gastar dinheiro!

Deusa grega: Lençol amarrado, cordinhas douradas e folhas douradas

Índia: Biquine tribal, saia de transparência e retalho de tecido xita de oncinha

Pegue aquele lencinho da vovó, capriche na maquiagem e nos acessórios e se transforme em uma bela cigana sensual

Essa é muito fácil. Maquiagem básica de palhacinho, uma peruca e a roupa mais largada que você tiver no armário

O nosso velho conhecido traje havaiano, simples, rápido e sempre no carnaval

Ressaca: como sobreviver ao dia seguinte

R

aros são os adultos que nunca passaram pela provação de uma grande ressaca. Alguns têm ressaca porque bebem demais, outros simplesmene porque bebem mal – desprezando toda a experiência acumulada de anos de civilização, e optando por encarar a garrafa com o estômago vazio, misturando bebidas e ultrapassando seu limite pessoal. Talvez a melhor receita para encarar uma grande ressaca seja certificar-se de não ter nenhum compromisso no dia seguinte, de que sua casa tem tudo que você precisa para sobreviver ao dia seguinte sem colocar o pé na rua, e de que você bebeu para celebrar algo muito bom, para ao menos ter a ilusão de que o excesso valeu a pena. Mas sejamos práticos: a melhor forma de evitar a ressaca em si é não beber álcool sem moderação. Além disso, raramente podemos contar com o luxo de passar o dia seguinte na cama, em um ambiente climatizado, com as cortinas fechadas e uma TV mostrando episódios antigos de Baywatch e The

Nanny. Vamos então a uma série de dicas sobre como evitar e “curar” a ressaca. Antes uma observação: adapte as dicas ao seu estilo de vida apenas quando as julgar aplicáveis com segurança – quando se trata da sua saúde, o melhor é consultar um profissional antes de experimentar qualquer procedimento. E, claro, o correto é nunca ingerir álcool além do limite seguro, e nunca beber se for dirigir. Entendendo a ressaca Pessoas com ressaca sentem uma série de sintomas comuns: dores de cabeça, dificuldade de se concentrar, prostração, mau humor e irritabilidade, problemas digestivos e dores no êstomago, náuses, vômitos… Além de processar o próprio álcool e outras substâncias presentes nas bebidas, em geral o seu corpo ainda tem que lidar com os efeitos de

Quem não lembra do Smurfs? Pinte o corpo de azul, junte os amigos e curta os elogios

Alimentação: Coma bem nos dias de folia

G

u m a provável noite anterior longa e agitada. E ainda é necessário contar com os efeitos psicológicos, seja os relacionados aos motivos que o conduziram a beber desse jeito, ou à lembrança do que você fez sob o efeito do álcool, ou ainda pela consciência do estado miserável em que você se encontra agora que acordou. “Curando” a ressaca Não há remédios mágicos universais – a não ser que seu caso seja extremo (e aí é bom ir direto para o hospital), você terá que deixar o seu corpo processar ou colocar para fora o excesso que você ingeriu.

eralmente as pessoas nem lembram dos cuidados com a alimentação durante o Carnaval. Mas alguns preparos saudáveis e práticos podem evitar que os efeitos das bebidas, comidas, alto gasto energético, longa exposição ao sol, poucas horas de sono agridam de forma exagerada o organismo. Nessas situações de grande estresse físico o sistema imunológico fica debilitado, abrindo caminho para contrair doenças e infecções Para aproveitar o máximo dessa festa e garantir a manutenção da saúde, a dra. Roseli Rossi dá algumas dicas que devem ser seguidas: Preparação para o Carnaval A hidratação é fundamental para garantir disposição nesta época. Inicie a hidratação com antecedência. Para uma hidratação adequada. É necessária a ingestão diária de 2 a 3 litros de líquidos (água, sucos de frutas e água de coco). A hidratação deve ser feita não só antes, mas durante e após para repor tudo o líquido perdido. Evite alimentos gordurosos, pois, além de favorecerem o ganho de peso, tornam a digestão mais lenta, com a sensação de estufamento. Consuma carnes magras como filé de frango, de peixe ou peito de peru e escolha os queijos magros e leite desnata-

do, por exemplo. Faça uma refeição ou um lanche “reforçado” com alimentos ricos em carboidratos (pão, arroz, batata, mandioca, milho, macarrão) antes de sair para a festa, para ter bastante energia na hora da folia. Durante a festa Para prevenir a desidratação causada pelo excesso de transpiração, consuma muita água, sucos naturais de frutas, água de coco ou até mesmo bebidas isotônicas, que repõem os eletrólitos como sódio, potássio, magnésio e cloro perdidos com a transpiração. Os sucos de frutas são uma ótima opção, pois além de hidratarem, fornecem um açúcar natural (frutose) que repõe a energia consumida. Alimente-se durante a festa e não fique mais que 4 horas sem se alimentar. Escolha alimentos leves e que favoreçam uma rápida digestão, hidratação e nutrição, como barrinhas de cereais, frutas, inclusive desidratadas ou então sucos. Desta forma, irá repor a energia que o organismo precisa. Caso consuma bebidas alcoólicas, beba com moderação e nunca com o estômago vazio. Intercale as bebidas alcoólicas com água e alimentos (sementes oleaginosas: castanhas, amendoim ou azeitonas), para retardar o efeito do álcool. A água irá proporcionar a eliminação

mais rápida dos metabólicos do álcool. Após o Carnaval Tenha uma boa “noite” ou “dia” de sono. O ideal é dormir de 6 a 8 horas ao dia, para se regenerar. Consuma alimentos ricos em vitaminas e minerais e fibras, tais como: frutas, verduras e legumes. Eles possuem baixo valor calórico e repõem os principais nutrientes perdidos no suor. Dê preferência aos alimentos fontes de vitaminas antioxidantes (vitaminas A, E e C) que diminuem a ação prejudicial do aumento de radicais livres (substâncias oxidativas) ocasionada nesta condição de maior desgaste físico. Exemplo: cenoura, mamão, abóbora, agrião, couve, espinafre e brócolis, óleos vegetais, gérmen de trigo, cereais integrais e os vegetais de folhas verdes,frutas cítricas como laranja, limão, acerola, entre outras. Uma dieta desintoxicante, com muita água, limonada, água de coco, chá verde, sucos e alimentos naturais, pobres em gorduras e carboidratos refinados, ajudará a eliminar as toxinas que podem ter sido acumuladas durante o Carnaval.


DiaDia

Jornal do Dia

Editor responsável : Túlio Pantoja < tuliopantoja@hotmail.com.br

B4

Macapá-AP, terça e quarta-feira, 08 e 09 de março de 2011

CNBB lança Campanha da Fraternidade no dia 9 O ato de lançamento nacional da Campanha da Fraternidade 2011 será realizado na sede da CNBB Agência Estado Da redação

A

Campanha da Fraternidade 2011, da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), será oficialmente aberta na Quarta-Feira de Cinzas, no dia 9. Este ano, a campanha adotou o tema “Fraternidade e a Vida no Planeta”. O lema escolhido é “A criação geme em dores de par-

Abalo de 3,2 graus atinge Montes Claros e cidades vizinhas

U

m tremor de terra atingiu a cidade mineira de Montes Claros e alguns municípios vizinhos no início da noite de ontem. De acordo com o Observatório Sismológico da Universidade de Brasília (UnB), o tremor -de 3,2 graus na escala Richter, registrado por volta das 20h30é o maior dos últimos três anos na região. As informações são da Agência Brasil. “O epicentro foi muito próximo à cidade e por isso acabou sendo mais sentido pela população, já que os efeitos sonoros decorrentes dele devem ter sido mais assustadores”, disse o

Popularidade do Brasil cresce no mundo, segundo a BBCs

A

popularidade do Brasil cresceu no mundo no último ano, segundo uma pesquisa divulgada nesta segunda-feira pela BBC, mas a Alemanha continua sendo o país que exerce influência mais positiva. Um total de 49% dos entrevistados afirmaram que o Brasil exerce uma influência positiva no mundo, contra apenas 40% em 2010. O resultado representa o maior avanço entre os 16 países sobre os quais se pediu opinião. “O salto nas opiniões positivas do Brasil acontece após o êxito da transição democrática do presidente (Luiz Inácio) Lula da Silva para Dilma Rousseff, a primeira mulher a chegar à presidência”, comentou Doug Miller, presidente da empresa GlobeScan, que fez a pesquisa para o Serviço Mundial da BBC. A África do Sul, outra potência emergente e que recebeu a Copa do Mundo em 2010, registrou o segundo maior avanço. A percepção sobre o Bra-

to”. O ato de lançamento nacional da Campanha da Fraternidade 2011 será realizado na sede da CNBB, em Brasília, em cerimônia presidida pelo secretário geral da conferência, dom Dimas Lara Barbosa. Esta será a 47ª Campanha da Fraternidade, dentro de uma série iniciada em 1964. Segundo a CNBB, estarão na pauta de debates temas como a conscientiza-

professor George França, do observatório sismológico. Ele garante que a ocorrência de tremores de grande intensidade na região é muito improvável. “É mínima a possibilidade de haver, em Montes Claros, tremores de magnitude igual ou maior do que 4 graus”, disse ele. O professor explica que esse evento tem como origem uma fratura antiga e bastante conhecida no solo da região. “O que é importante é deixar a população sempre informada sobre como se comportar em meio aos tremores. O pânico é muito mais perigoso do que o tremor”, acrescentou. De acordo com o soldado David César, do Corpo de Bombeiros de Montes Claros, o tremor foi sentido também em cidades vizinhas. “Foi um tremor bastante forte, mas não resultou em nenhum tipo de ocorrência [no Corpo de Bombeiros]. Recebemos apenas algumas ligações de pessoas daqui e de cidades vizinhas reportando o tremor”, disse. Folhapress

sil é majoritariamente positiva nos 27 países pesquisados, com exceção de dois: Alemanha, onde 32% consideram a influência do país negativa e 31% positiva, e a China. No caso da China, 45% têm visão positiva do Brasil, contra 41% que têm opinião negativa, um claro retrocesso na comparação com os 55% e 16%, respectivamente, registrados em 2010. A popularidade do Brasil é maior nas Américas e no sul da Europa. Os maiores ‘fãs’ do país estão em Portugal, onde 76% dos entrevistados acreditam que a antiga colônia exerce uma influência positiva no mundo, seguido pelo Chile, com 70%, apesar de neste último o resultado registrar uma queda de sete pontos na comparação com 2010. As opiniões sobre o Brasil também são muito positivas no México (65%), Peru (63%) e Estados Unidos (60%). O país mais popular do mundo, segundo a pesquisa, é a Alemanha (62%), seguida pela primeira vez pela Grã-Bretanha (58%) e pelo Canadá (57%). A pesquisa mostra uma clara melhora das imagens da França (sexto, com 52% de opiniões positivas e 19% negativas) e Estados Unidos (oitavo, com 49% e 31%, respectivamente), países que conseguiram os melhores resultados desde a primeira edição da pesquisa, em 2005. Folhapress

ção sobre o aquecimento global e as mudanças climáticas, além da busca de ações que preservem a vida no planeta. O texto-base da campanha tem 124 páginas. A primeira parte do material, segundo informa a CNBB, “apresenta uma análise da realidade, procurando estabelecer as causas do aquecimento global e das mudanças climáticas”. Trata também

da relação entre o aquecimento global e as atividades humanas; questiona o modelo energético brasileiro; denuncia o desmatamento e as queimadas; aborda o agronegócio e o atual modelo de desenvolvimento. Há também alertas sobre as ameaças à biodiversidade e sobre o risco da escassez de água no planeta. “A ecologia humana é um tema fundamental

trazido pelo papa João Paulo II e, depois, por Bento XVI. De acordo com o papa, o centro do universo está na pessoa humana e, muitas vezes, as políticas públicas não levam em conta esses dois pontos, principalmente as pessoas mais vulneráveis, os mais pobres”, explica dom Dimas, em nota distribuída pela conferência. A CNBB destaca que

o assunto “meio ambiente” já foi tratado, anteriormente, pela Campanha da Fraternidade. Em 1979, foi discutido o tema “Por um mundo mais humano Preserve o que é de todos”. Em 2004 foi a vez do tema “Fraternidade e Água - Água, fonte de vida”. Além disso, em 2007, o assunto escolhido foi “Fraternidade e Amazônia - vida e missão neste chão”.


jornal do dia 08 09 03 2011