Issuu on Google+

federais

santana

Buscam ajuda na Assembleia

Folia confirmada no município

Funcionários do ex-território e do Plano Collor querem que AL ajude na transferência federal. nA4

Coordenação fechou a programação para a quadra carnavalesca. nB4

Fundado em 04 de Fevereiro de 1987

Quem lê, sabe mais! Macapá-AP, Quinta-feira, 26 de Janeiro de 2012 - Ano XXV ag. o dia

Domingo e Segunda R$ 3,50 - Terça a Sábado R$ 1,50

GUIANA FRANCESA

Briga com guerrilheiros pode ser causa de chacina no garimpo heverton mendes

Sobreviventes do desabamento

acidente

Dois prédios desabam no centro do Rio Dois prédios desabaram na noite de ontem no centro do Rio de Janeiro. Causas ainda são investigadas. A suspeita é de vazamento de gás. nA7

carnaval

Produção de fantasias aquece mercado

marco zero

Briga no trânsito pode ter gerado assassinato

O assassinato envolvendo o jovem Dinoel dos Santos Chaves teria começado a partir de uma briga. Os acusados ainda não foram presos. nB2

Assassinatos teriam acontecido entre garimpeiros brasileiros e pistoleiros a mando dos guerrilheiros surinameses que usavam armas pesadas. Consta que os pistoleiros são contumazes em extorquir ouro de garimpeiros brasileiros para dividi-lo com a guerrilha. nB1

Apesar da evasão de renda para o sul e sudeste, mercado informal consegue lucrar com a produção de fantasias, aquecendo a economia. nA7 Nos barracões do meio do mundo, a produção de fantasias e alegorias está a todo vapor

heverton mendes

de perto

Fiscalização ambiental aperta o cerco sobre madeireiras Está marcada para acontecer amanhã uma reunião envolvendo órgãos estadual e municipal do meio ambiente para os ma-

deireiros que foram notificados. A ideia é forçar a regularização dos empreendimentos. nB3 heverton mendes

Carros abandonados poderiam estar sendo usados no combate à endemias

abandono

Carros são saqueados no antigo prédio da Vigilância Municipal Policiais ambientais estiveram ontem fiscalizando madeireiras no igarapé das Pedrinhas: pressão pela regularidade

Prédio do Departamento de Vigilância e Saúde (DVS), localizado na Rua José serafim, no Laguinho,

vem sendo alvo de bandidos. No total são 11 veículos que poderiam estar em uso. nB1

NA INTERNET www.jdia.com.br - REDAÇÃO 3217.1117 - COMERCIAL jdcomercial@jdia.com.br 3217.1100 - DISTRIBUIÇÃO 3217.1111 - ATENDIMENTO 3217.1110


JD

“ ” Opinião

Macapá-AP, quinta-feira, 26 de janeiro de 2012

Editor: Fabrício Costa - fabriciocosta@jdia.com.br

EntreAspas

JANDERSON CANTANHEDE Jornalista

Carnaval – O carnaval está chegando e com ele vem a vontade de recuperar o ano perdido de 2011 e superar o escândalo de 2010. Porém, tem muita gente por aí que está perdendo a noção de folia e tenta a todo custo politizar a tradição. Sem noção – Ontem, um dirigente carnavalesco sem noção disse que o governador Camilo (PSB) tinha o dever de apoiar sua escola financeiramente por conta do seu voto nas eleições de 2010. O apresentador ainda tentou desconversar, mas não adiantou. Para bom entendedor, meia palavra basta. Gritaria - Dirigentes da Associação dos Blocos (Abloca) estão numa grita geral por conta da falta de verbas prometidas pelo governo para seus associados. Culpam os secretários de Cultura e Planejamento por pura falta de interesse. Cobrança - Os dirigentes prometem cobrar uma lata de leite para cada dois ingressos, por ocasião do desfile. Com o alimento sendo revertido às comunidades carentes.

Golpe certeiro - A turma do contra não gostou do Legislativo ter promulgado o orçamento 2012 e suas devidas alterações. Acharam que do jeito que fizeram deixaram o governador Camilo engessados para resolver problemas de última hora. Só não comentaram que a iniciativa da Assembleia foi um golpe certeiro na relação promíscua entre os Poderes. Transparência - Como de praxe, o governo sempre procurava um meio termo com os Poderes. Era a tal história: “vamos fechar valores menores e durante o ano repasso por fora”. Agora, colocando tudo para dentro (sem trocadilhos), o Legislativo deu mais transparência às finanças. O governo, claro, não gostou da ideia. Malária - A Divisão de Vigilância Epidemiológica Estadual está encontrando extrema dificuldade para justificar o aumento dos casos de malária, mesmo gastando uma grana preta em diárias para incrementar medidas paliativas, visando diminuir os índices preocupantes da doença. Discordando - A descul-

FotodoDia

pa de que são casos vindos de outros municípios e até das ilhas do Pará não bate com o incremento da doença somente no Amapá e Maranhão e diminuição em todas a outras unidades federadas da Amazônia Legal. Falha - O que está existindo mesmo é uma tremenda falha no programa de prevenção, fato que deveria ser apurado pelo Ministério Público Federal, afinal, as verbas dos contribuintes não estão sendo empregadas corretamente no combate a endemia.

Paradas - A menos de 30 meses da Copa do Mundo de 2014, o legado para o sistema de transporte de suas 12 cidades-sede está definitivamente comprometido. Pelo menos 19 obras de mobilidade urbana que deveriam ter avançado entre setembro de 2011 e janeiro de 2012, conforme previa o último balanço divulgado pelo governo federal, tiveram

o cronograma descumprido. Problema - Um dos casos emblemáticos é o de Manaus, que se prepara para construir um monotrilho com 20,2 quilômetros de extensão, ligando o centro aos arredores da Arena da Amazônia. Para ficarem prontas em maio de 2014, um mês antes do início da Copa, as obras deveriam ter começado em novembro de 2011. Enfrentam, no entanto, uma pilha de problemas. Vergonha – Do jeito que as coisas andam rumo aos preparativos da Copa, nós brasileiros vamos passar vergonha diante do mundo inteiro que estará com os olhos voltados para o nosso país. O governo sempre vai estar dizendo que está indo tudo às mil maravilhas e o povo menos avisado vai continuar acreditando que tudo vai dar certo... Até amanhã...

“Ojornalismoé,antesdetudoesobretudo,aprática diáriadainteligênciaeoexercíciocotidiano do caráter” (Claudio Abramo) Siga: @cantanhede_AP Acesse:jandersoncantanhede.wordpress.com Email: cantanhede@jdia.com.br

Em tempos de corte de gastos e reestruturação dos cofres públicos, o desperdício parece não preocupar as autoridades competentes. Carros abandonados e deteriorados pela ação do tempo ou ‘esquecimento’ é vergonhoso para o Estado do Amapá. heverton mendes

A2

Editorial Visão ampliada

É

boa e pode render frutos interessantes para o Amapá a iniciativa de aproximação do governo amapaense com o governo cubano, a fim de assinar convênios de cooperação nas áreas de saúde, educação, esporte, ciência e tecnologia. Mesmo críticos mais fervorosos dos caminhos e descaminhos da revolução cubana, que mantém a família Castro como mandatária da ilha caribenha há décadas, reconhecem os avanços daquele país na área social. Destaque especialmente para as áreas de saúde, educação e esporte. É evidente que não se pode pensar na exportação pura e simples de modelos desenvolvidos em outros países para o Amapá, como forma de solucionar os problemas locais. Existem inúmeros fatores que representam obstáculos, muitas vezes intransponíveis, nesse caminho. Recorde-se, por exemplo, iniciativa anterior do Governo do PSB, com João Capiberibe no comando, de tentar trazer para nosso estado médicos cubanos, para atenderem na rede pública. Uma solução aparentemente interessante, mas que esbarrou em problemas de diversas

ordens, inclusive legais. No caso presente também haverá dificuldades a suplantar. A começar pelas peculiaridades dos sistemas de saúde, educação e esporte brasileiros e cubanos. Ente federado, o Amapá está subordinado a regras que não podem ser mudadas ao seu bel-prazer, por mais que não concorde com elas. De qualquer forma, a troca de experiência é enriquecedora, desde que haja real interesse em assimilar, se não os modelos prontos, pelo menos a essência da visão que sustenta a experiência exitosa de Cuba nessas áreas. Um princípio que pode orientar a troca de experiência não só com outros países, mas também com outros estados brasileiros e em outras áreas de ação. Isolado no norte do Brasil, muitas vezes o Amapá, notadamente seus agentes públicos, perdem-se em picuinhas domésticas e distanciam-se absurdamente dos interesses da sociedade que representam. Abrir-se para troca de experiências com outras regiões é uma salutar de maneira de ampliar os horizontes amapaenses, para que se possa enxergar mais longe e, quem sabe, chegar mais longe também.

Hora-Hora Cobranças - Passagem do governador Camilo Capiberibe por Mazagão esta semana, durante festejos do aniversário de Mazagão Velho, não foi das mais agradáveis. Moradores não fizeram questão de esconder descontentamento com ações – ou falta de – do governo do Estado no município. Promessa – Como já sabia que o clima estaria pesado, governador levou ao município grande comitiva, para se blindar contra assédio popular, e também máquinas a serem usadas na recuperação da estrada AP010, que liga a parte nova de Mazagão à velha. Com chuvas chegando fortes, mazaganenses ouviram a promessa com grande desconfiança.

Uma publicação do Jornal do Dia Publicidade Ltda. CNPJ 34.939.496/0001-85 Fundado em 4 de fevereiro de 1987 por Otaciano Bento Pereira(+1917-2006) e Irene Pereira(+1923-2011) Primeiro Presidente Júlio Maria Pinto Pereira(+1954-1994) Diretor Editorial: José Arcângelo Pinto Pereira Diret. Adm. Financeira e Contábil: Maria Inerine Pinto Pereira Diretor de Assuntos Corporativos: Luiz Alberto Pinto Pereira Diretor Executivo: Marcelo Roza Assessoria Jurídica e Tributária: Dr. Américo Diniz — OAB/AP 194 Dr. Eduardo Tavares — OAB/DF - 27421 Editor-Chefe: Janderson Cantanhede Endereços Redação, Administração, Publicidade e Oficinas: Rua Mato Grosso, 296, Pacoval, Macapá (AP) - CEP 68908-350 - Tel.: (96) 3217.1110 E-mails pautas e contato com a redação: jornaldodia@jdia.com.br Editor-Chefe: cantanhede@jdia.com.br departamento comercial: jdcomercial@jdia.com.br josemaria@jdia.com.br mariaruth@jdia.com.br

Índice Opinião - A2, A3 Política - A4 Economia - A5 e A6

Meio Norte - A7 Diversão - A8 Dia Dia - B1, B3

JD na Internet: www.jdia.com.br VIA CELULAR: m.jdia.com.br Representantes comerciais JC Repres. Com. Ltda. - Brasília, DF n Tel. (61) 2262-7469 - Rio de Janeiro, RJ nº Tel. (21) 2223-7551, São Paulo Visão Global Comunicação S/C Ltda. n Rua Alvarenga, 573- Butantã - CEP - 05509-000 - São Paulo, SP Tel. (11) 3032-3595, Fax (11) 3032-4102. New Mídia - Belém-PA (Gil Montalverne) Tel.: (91) 3279-3911 / 8191-2217 Contatos Fale com a redação (96) 3217-1117 Fale com o departamento comercial (96) 3217-1100 / 3217-1111 Geral (96) 3217-1110 Conceitos emitidos em colunas e artigos são de responsabilidade de seus autores e nem sempre refletem a opinião deste jornal. Os originais não são devolvidos, ainda que não publicados. Proibida a reprodução de matérias, fotos ou outras artes, total ou parcialmente, sem autorização prévia por escrito da empresa editora.

Polícia - B2 Santana - B4 Classidia - 12 Pág

Ediçãonúmero 7810

Concorrência – Situação do governador Camilo ainda ficou pior por conta da presença do ex-governador Waldez Góes entre os convivas do prefeito Marmitão. Mesmo mantendose discreto durante solenidade festiva, ex-governador, por conta da boa imagem que tem naquela região, recebeu mimos da população que devem ter enciumado

o atual. Ouvidoria – O Tribunal de Contas do Estado inaugura no dia 9 de fevereiro a sua Ouvidoria Geral. Através dela, a população vai poder denunciar atos ilegais da administração pública estadual e municipal. Controle - É claro que o próprio TCE também poderá ser alvo de denúncias. A nova estrutura é mais uma ferramenta de controle social que passa a funcionar no Amapá. Aumentar o controle sobre uso de recursos públicos ajuda a diminuir a corrupção. Contraste – Enquanto poder público segue em compasso de marcha fúnebre, devagar, quase parando, a iniciativa privada se movimenta, acreditando no potencial do Amapá. Dinamismo – Lançamentos de novos modelos de veículos, como o New Honda Civic, na semana passada, e de empreendimentos de peso, como o Edifício Manhattan, da Construtora Vex, são exemplos dignos de menção. E vem muito mais por aí.

Frases do Dia “Ninguémpodeacharquefalhouasuamissãoneste mundo,sealiviouofardodeoutrapessoa.” (Charles Darwin) “Onúmerodosquenosinvejamconfirma as nossas capacidades.” (Oscar Wilde) “Eucorra i trásdeumagarotapordoisanosapenaspara descobrirqueosseusgostoseramexatamentecomoos meus:Nósdoiséramosloucosporgarotas.” (Karl Marx) “Ondenãofaltavontadeexistesempreumcaminho.” (John Lennon)


JD

Opinião

Macapá-AP, quinta-feira, 26 de janeiro de 2012

A3

Editor: Fabrício Costa - fabriciocosta@jdia.com.br

Apartequelhescabe Meiaverdadem , entiracompleta

RODOLFOJUAREZ Jornalista

A

s chuvas chegaram e estão castigando a Capital, as outras sedes municipais e as estradas que ligam essas sedes e outras localidades com vocação produtiva. Desde a semana passada que as viagens se tornaram uma grande aventura quando têm que ser feitas em estradas não asfaltadas ou que são apenas caminhos abertos, sem qualquer tratamento e, por isso, sem condições de atender às necessidades daqueles que precisam dessas rodovias. São muitos e de todas as ordens os problemas. Estrada ruim acaba com os veículos que, todas as vezes que terminam uma viagem precisam ser recolhidos às oficinas para reparo. Mesmo assim tem ocasiões que o veículo não dá conta nem de voltar. A Secretaria de Transportes do Governo do Estado vai ter muito trabalho para atender todas as chamadas de socorro que são feitas para o setor socorristas que daquela Unidade do Governo. A população, apesar de mostrar-se cansada com a situação que se repete a cada período chuvoso, pre-

cisa insistir para continuar trabalhando. Mas as condições de deslocamento, seja em transporte público, seja em transporte particular, são muito precárias e um desafio para quem tem que usar a estrada. Já faz algum tempo que os organismos do Governo do Estado, como a Secretaria de Estado de Transporte, não se preparam para o período, muito embora todos saibam que ele se repete. Mesmo assim as dificuldades para todos continuam: para a Secretaria que não consegue resolver nada; para os donos dos veículos que vêm seu patrimônio, ou ficar pela estrada ou chegar aos pedaços na Capital; e para a população, que, apesar de indignada, vê-se de mãos atadas e sem condições de cooperar. Não é fácil a situação para ninguém nesse momento. E esperar que o tempo levante, isso lá pelo mês de junho, é tempo demais para aqueles que não podem parar e que dependem do transporte para continuar a luta do dia-a-dia na esperança de que as coisas possa melhorar. Não vai ser para esse ano, certamente. Mas o amapaense tem sido paciente e, apesar de muito mais desconfiado, aguarda melhoria no sistema e que cada um faça a sua parte para que a

população possa ser atendida conforme prometido. O que pode fazer agora faz. É por isso que ainda há uma fresta por onde entra a esperança, trazida pelas chuvas, que nesse momento prejudicam, mas que todos sabem que, sem essa mesma chuva, os resultados do verão não seriam importantes como são. Mas é importante que todos cuidem do óbvio, da galinha dos ovos de ouro, da esperança de cada um e que, quem sabe ano que vem, esse sacrifício possa ter, pelo menos diminuído, dando oportunidade para que a esperança renasça, pois como está não dá mais para pensar a partir de ações dos setores que teriam que evitar o que está acontecendo no momento. Os olhos voltados para dentro da cidade, mesmo sem fazer nada, mas ocupados em ver as crises que são habilmente alimentadas no sentido de justificar a inação e, de certa forma, a irresponsabilidade com essas estradas que cortam o Estado de ponta a ponta, permitindo que o homem do campo sinta a sua importância e mantenha acesa a confiança para que possa continuar tendo forças para caminhar e coragem para acreditar naqueles que não estão fazendo a parte que lhes cabe.

Tucuruía ,barragemdaditadura Lúcio flávio Colunista

O

jornalista paraense faz um resgate histórico da construção da polêmica barragem de Tucuruí, no Pará, uma das grandes obras do período da ditadura militar no Brasil. Tucurui, a barragem da ditadura relata os lances que envolveram a hidrelétrica desde o início em 1974 até o término em 1985, mostrando que apesar da censura e da ditadura, o debate sobre a obra chegou à opinião pública por meio da imprensa. Construída no Rio Tocantins, entre Belém (PA) e Marabá (MA), a hidrelétrica de Tucuruí, um dos grandes projetos de infraestrutura da ditadura militar na Amazônia, foi alvo de polêmicas e debates por

parte da sociedade brasileira via imprensa e o jornalista Lucio Flavio foi o autor de grande parte delas. Quando foi inaugurada em setembro de 1984, seu custo ultrapassar em US$ 2,1 bilhões o custo inicial, totalizado US$ 4,7 bilhões. Oficialmente o governo só admitiu US$ 4,5 bilhões de custo, mas Lucio Flavio afirma que ultrapassaram mais de US$ 10 bilhões. De acordo com seu relato, a hidrelétrica estoca em seu reservatório 45 milhões de metros cúbicos de água que movimentam 23 turbinas. Seis delas suprem de energia duas grandes empresas: a Albrás, em Belém, e a Alumar, em São Luiz do Maranhão. Três turbinas abastecem o Estado do Pará e o restante é exportado, transformando o estado em terceiro maior exportador de energia

bruta do País. Quase 30 anos se passaram. A ditadura não existe mais e o Brasil é um país democrático. Entretanto, os planos de construção de hidrelétricas na Amazônia herdados da ditadura, acabaram sendo retomados. Primeiro pelo governo Lula e agora pelo governo Dilma Rousseff. Em tempos de retomada de obras de infraestrutura como Belo Monte, no Rio Xingu e muitas outras, o relato de Lúcio Flavio pode ser precioso para aprofundar a reflexão e o debate sobre tais projetos. Tucuruí, a barragem da ditadura é uma publicação do Jornal Pessoal, periódico que Lucio Flavio edita quinzenalmente há 24 anos. Nos últimos 19 anos, suas denúncias e reportagens lhe valeram – e ainda lhe valem – inúmeros processos judiciais, agressões e violência.

Siga a caesa

A Caesa informa em seu twitter sobre os esforços que vem realizando para levar água e esgoto à população da capital.. Veja.

nalismo. Charles Kane compreOtonTássioSilvaLuna endia, desde o início, o EstudantedeCastanhal poder da mídia, os meios para alcançá-lo e os caminhos que deveria perharles Foster correr para conquistar a Kane, dono do glória pessoal e profismaior império sional. Sua premissa prejornalístico americano, cípua era transmitir a inna primeira metade do formação como sendo a século vinte, conseguiu verdade absoluta, fazenser vítima da pobreza e do com que a população da riqueza e ainda sair – sobrecarregada por alda vida para entrar na tas jornadas de trabalho, história como um vilão. com salário aquém do Tudo isso em uma só razoável e que, por isso, vida. Trata-se aqui de não dispunha de tempo uma obra fictícia, o fil- para muitos questioname Cidadão Kane, diri- mentos ou reflexões –, gido, escrito e interpre- manipulada, acreditasse tado por Orson Welles na imparcialidade da imem 1941. A obra é co- prensa (“se está escrito é nhecida principalmente verdade”; é como a Bípor suas contribuições blia) e na sacralidade do técnicas para a lingua- próprio Kane, o dono da gem cinematográfica, verdade, um “autêntico as quais influenciam o cidadão” que presta larcinema até hoje. Mui- gos serviços à sociedatos a consideram a de: “The people think obra mais importante what I want they think!” Impossível não fazer desde a invenção do cinematógrafo pelos referência a Ace in The irmãos Lumière. Por Hole (A Montanha dos outro lado, há um vas- Sete Abutres), dirigido to e profícuo conteúdo por Billy Wilder. Um filme que, pessoalmente, a ser discutido. A narrativa é iniciada acho muito melhor, mas com a notícia de óbito que apresenta imporde Charles Kane. Em tantes diferenças para seguida, sua vida passa com a obra de Welles. por uma retrospecção, Wilder tem como foco o “vendido”; possível mediante a jornalista pesquisa desenvolvida Welles, o magnata. Impor um jornalista. Pri- possível também não remeiro, Kane foi vendi- lacionar ao nosso cotido por sua mãe, uma diano, mesmo setenta mulher pobre que agia anos depois da morte de com a melhor das in- Kane, ano de lançamentenções, acreditando to do filme. Quando assisti a esses que ao entregar seu filho a um milionário a filmes, logo me lembrei situação de ambos me- da revista Época, da rede lhoraria consideravel- de telejornalismo Globo mente – ela ainda tenta e do jornal homônimo, culpar a agressividade todos propriedades de do marido como a real uma mesma organizamotivadora de sua ati- ção, fundada por Robertude. Lembremos que, to Marinho – não à toa assim como a senhora existe um documentário Kane, Lênin, ao liderar chamado Muito Além do a Revolução Bolchevi- Cidadão Kane, que disque – que, segundo corre acerca da “história suas ideias, seria o pri- secreta da Globo”. Além, meiro passo para a su- é claro, de alguns partipressão do capitalismo dos políticos mais recore, por consequência, rentes dentre os que são pela das desigualdades so- “beneficiados” ciais – também almeja- “grande imprensa”, os va uma realidade me- quais é desnecessário lhor, menos injusta e mencionar, até porque penosa; mas ninguém parcerias desse tipo tenprevê o dia depois de dem a cambiar de acoramanhã nem controla do com o interesse da aqueles que o sucedem instituição mais poderosa – no caso, as grandes em seu projeto. Destarte, Kane foi empresas midiáticas e afastado de sua família seus anunciantes, que ainda criança. Com desrespeitam, sem neisso, distanciou-se da nhum pudor, a concespobreza mas distan- são pública a que, temtêm ciou-se, simultanea- porariamente, mente, do afeto fami- direito. liar e do trabalho. E foi Atraso para a assim que se encontrou liberdade de expressão desafortunado em A nível regional, ainda meio a uma das maiores fortunas do país. Da temos a polifônica OrRômulo noite para o dia, o jo- ganizações vem Kane abandonou Maiorana (ORM) – sema infância e abraçou o pre achei curioso serem egocentrismo. Ele tinha as mesma iniciais do outudo, mesmo aquilo tro “cidadão” –, com os que não queria ou pre- seus jornais impressos O cisava; e não havia feito Liberal e Amazônia, além nada para conquistar de emissora de televisão tais regalias, não pro- e de rádio. Ou seja, a duzira nenhuma rique- ORM, assim como muiza, apenas a consumiu tas outras, presentes em desenfreadamente; o vários estados brasileimundo realmente pa- ros, está vigorosamente presente em três níveis recia girar a seu redor. diferentes de meios de comunicação. Um verPartidos dadeiro atraso para a li“beneficiados” A situação muda, de berdade de expressão, certa forma, quando visto que, em muitos caele acha que seria “di- sos, uma só voz é altisvertido” ser editor e sonante, repercute e proprietário de um jor- produz eco, culminando nal. Agora, ao assumir em uma reverberação o pequeno, ou médio, ininteligível e vazia. Em contrapartida, feInquirer, ele passaria a contribuir com algo, lizmente, há 24 anos exercendo uma profis- ainda existe o outro são que há muito tem- lado da informação: o po – talvez desde o seu pequeno mas imponensurgimento e consoli- te Jornal Pessoal, escrito dação no mundo mo- e editado por Lúcio Fláderno, entre os séculos vio Pinto, considerado o 15 e 17 – já não era in- jornalista mais combatigênua ou pueril: o jor- vo do país, que já foi

C

processado mais de trinta vezes perante o poder judiciário paraense (também repleto de soldados “fieis” à pátria dos conglomerados econômicos das empresas do setor jornalístico) por... denunciar os fatos! Apesar da repulsa ao monopólio da informação – mais uma forma danosa de latifúndio presente neste país –, não partilho da opinião de Paulo Henrique Amorim, por exemplo, quando ele classifica esses latifundiários de Partido da Imprensa Golpista (PIG, “porco”, em inglês). Penso que, desse modo, passamos de um extremo ao outro e, como diz um professor meu, “entre o branco e o preto há vários matizes de cinza”. Desrespeitar o adversário, como destituí-lo da sua condição de homo sapiens, relegando-o à imundície e a uma suposta irracionalidade, jamais será uma alternativa muito interessante – mesmo que o outro lado às vezes parta para a agressão física, como já aconteceu com Lúcio Flávio. Desinformar a população Amorim seria um jornalista imparcial? Existe algum jornalista imparcial? Não acredito. Minha presente formação em ciências humanas me ensinou muito a respeito da subjetividade do conhecimento e da apresentação da “verdade” como uma realidade observada e, portanto, enquadrada sob a limitação de uma perspectiva possível, mas nunca total. Ou ainda, como diz a seguinte frase frequentemente atribuída a Leonardo Boff: “Todo ponto de vista é a vista de um ponto.” Sendo assim, apresento mais uma justificativa contra a denominação PIG, pois, apesar de geralmente discordar de textos publicados pela “grande imprensa”, considero a perspectiva do “partido” uma via possível. O problema aparece quando ela se diz absoluta, incontestável e irredutível, quando não admite falhas ou quando deliberada e conscientemente escamoteia informações centrais para o leitor. Realmente tal situação ocorre, mas entendo que não devemos generalizar. Toda edição de um jornal é um novo jornal – mesmo que poucas ou nenhuma opiniões divergentes apareçam. O olhar minucioso e crítico sobre a matéria jornalística deve estar sempre ativo, pois mesmo jornais de qualidade – aqueles que têm compromisso com a busca pela verdade completa, sem omissões; aqueles que propugnam a responsabilidade social, exercendo, assim, a verdadeira “cidadania jornalística”, ao contrário da cidadania aos moldes de Charles Kane – podem cometer um equívoco, propositalmente ou não. Mas, enfim, o que é cidadania? De fato, não sou, de longe, a pessoa mais indicada para tratar da questão, mas certamente desinformar a população, apresentando apenas “meia verdade” (mentira completa), não é um bom exemplo.


JD

Geral

Servidores do ex-território e Plano Collor recorrem à AL em busca de transferência federal Grupo quer que deputados estaduais intercedam junto à bancada federal agilizando a transferência para os quadros da União

Macapá-AP, quinta-feira, 26 de janeiro de 2012

Editor: Fabrício Costa - fabriciocosta@jdia.com.br

Bastidores danotícia RODOLFOJUAREZ Jornalista

10 anos depois O dia 26 de janeiro de 2002 que foi marcado por um dos graves acidentes fluviais em rios da Amazônia, quando o Barco Motor Cidade de Óbidos VI, que fazia a viagem de Santana para Laranjal do Jarí, chocou-se de frente com uma balsa boieira, construída em aço, e afundou nas águas do rio, às 5 horas da manha. Era sábado. Localização O acidente ocorreu na localidade conhecida como Ponta do Alegre, no município de Laranjal do Jarí. O B/M levava 107 passageiros, a maioria políticos que iriam participar de um encontra na sede do Município de Laranjal do Jarí, do qual participariam os prefeitos de Santana, Laranjal, Vitória e Mazagão; os vereadores dos quatro municípios, deputados federais e outras autoridades. Objetivo O objetivo do encontro era iniciar um trabalho que definiria a vocação da região sul do Estado e a importância da região na matriz de desenvolvimento do Amapá. O acidente acabou interrompendo o projeto que nunca mais foi retomado. Um dos pontos a ser tratado era, exatamente, a segurança na navegação nos rios Jarí, Cajari e outros.

Servidores buscam apoio para aprovação da PEC que transfere os servidores do antigo Território Federal do Amapá para a União

U

m grupo de servidores federais civis e militares buscou ontem (25) apoio da Assembleia Legislativa para garantir apoio político da bancada na aprovação da Proposta de Emenda Constitucional (PEC) que transfere os servidores do antigo Território Federal do Amapá para a União. O grupo foi recebido pelo presidente da Assembleia Legislativa, deputado Moisés Souza (PSC) e pelo primeiro-secretário da Casa, deputado Edinho Duarte (PP). As principais lideranças da classe dos servidores remanescentes do antigo

Território Federal do Amapá explicaram que a proposta contida na PEC, em tramitação na Câmara dos Deputados, beneficia com a transferência para os quadros do Governo Federal aqueles que ingressaram no serviço público no período de 1988 a 1993. “Entendemos que como o Amapá era uma possessão federal, por direito adquirido somos servidores federais”, argumentou uma servidora. A estratégia de procurar o parlamento estadual, segundo explicou o vice-presidente do Sinsepeap, Leslie Gantus, é para pedir apoio

político e contar com a articulação e gestões dos deputados estaduais juntos aos integrantes da bancada federal do Amapá. “Nós também pedimos apoio da Assembleia para o problema do corte do pagamento do Plano Collor dos profissionais da Educação, que tira quase R$ 7 milhões todos os meses da economia do Amapá e prejudicando a vida de 3,4 mil famílias”, disse o sindicalista. O presidente da AL prometeu empenho às causas envolvendo os servidores. “Os interesses coletivos são sempre objeto da atenção do Legislativo e nossa atua-

ção não é nenhum favor, mas sim uma obrigação de todo agente público”, disse Souza, que anunciou uma nova reunião com os servidores e a presença do presidente do Senado Federal, José Sarney (PMDB), que estará em Macapá no início de fevereiro para participar das comemorações do aniversário da cidade. Participaram também do encontro a deputada estadual Mira Rocha (PTB) e a presidente da Associação dos Policiais Militares do ex-Território do Amapá (Aspometerfa), a tenente da Polícia Militar Socorro Modesto.

As vítimas Sete dos 107 passageiros acabaram morrendo afogado. Foram para a lista de mortos: Simone Teran, Vitor Santos, Carina dos Santos, Luan Richard, Arquimedes Afonso, Cláudio Colares e Alexandre Júnior. Até agora as condições de navegação entre Santana e Macapá, pelo rio Jarí, continua sem mudanças, não obstantes aos acidentes do Novo Amapá e do B/M Cidade de Óbidos VI. Sinalização A Empresa Municipal de Transportes Urbanos está revitalizando toda a sinalização da área que fica às proximidades do sambódromo. O objetivo é organizar o trânsito e evitar acidentes às proximidades do sambódromo e da Cidade do Samba, no período do carnaval. Volta às aulas Na volta às aulas EMTU também vai retomar as atividades do projeto Amigos do Trânsito, o programa que capacita funcionários dos estabelecimentos de ensino para atuar como orientadores nas faixas de pedestres, que ficam em frente às escolas da rede municipal e rede estadual de ensino.

Mercado Central será palco em comemoração aos 254 anos da capital amapaense e reunirá shows em várias partes de Macapá

Aniversário de Macapá terá salva de tiros e shows musicais

P

ara marcar os 254 anos de Macapá, a Prefeitura está organizando uma ampla programação que inicia às 6h do dia 4 de fevereiro em frente ao Mercado Central, com a salva de 21 tiros de canhão e prossegue com shows musicais nos quatro cantos da cidade. De acordo com o coordenador do evento, sociólogo Fernando Canto, um dos objetivos da programação para comemorar o aniversário de Macapá é

despertar o orgulho de ser macapaense. “Precisamos fazer com que as pessoas gostem da cidade em que vivem”. Os shows terão a direção musical do maestro Manoel Cordeiro e acontecerão no bairro Marabaixo I, na entrada da rodovia do Curiaú, na Claudomiro de Moraes, no Balneário da Fazendinha, no Mercado Central e na Praça do Coco. Concomitantemente às programações, acontece a Pororoca Cultural, com a

participação de artistas da terra, percorrendo os palcos, num trio elétrico. Dentre os artistas confirmados estão Senzalas, Osmar Junior, Juliele, Ronery, Cleverson Baía, Nonato Leal, grupos de HipHop, além de artistas do circuito gospel e como convidado especial o mestre Vieira, rei das guitarradas do Pará. Para o prefeito Roberto Góes, Macapá é uma cidade abençoada pela energia do sol equatorial e pelas águas do rio Amazonas,

que passam na sua frente em seu caminho em direção ao mar. “Nestes 254 anos de fundação de Macapá queremos entregar aos munícipes um lugar em festa e de expressão da cultura, para celebrar com todos, indistintamente, a alegria de sermos deste local privilegiado pela natureza. Queremos que cada um declare o seu amor pela cidade e que cante, que ria e conte um caso para dizer dos nossos sonhos e construir nossa história”.

A4

Ação de cadastramento no Mucajá Na manhã da terça-feira, dia 24, a Prefeitura de Macapá e o Ministério Público Estadual, através do Núcleo de Mediação Comunitária, realizaram na Escola Municipal Antonio Barbosa uma ação de cadastramento das 31 famílias que ainda residem na encosta do Mucajá. O objetivo é solucionar os conflitos gerados pelos moradores que não foram beneficiados com os apartamentos do Conjunto Habitacional. Deste montante, algumas famílias receberão a indenização, outras o aluguel social e, as que estiverem de acordo com os critérios sociais e econômicos, poderão ocupar os dez apartamentos que ainda estão disponíveis. O que disse a secretária De acordo com Cleuma Duarte, secretária municipal de assistência social e trabalho, os próprios moradores provocaram o MPE para realizar a ação. “Estas famílias ficaram de fora dos sorteios por diversos motivos, como não residir na área e estar fora do perfil socioeconômico. Um levantamento está sendo realizado e, provavelmente, estarão disponíveis cerca de 10 apartamentos para novo sorteio”,afirmou Cleuma. O que disse o promotor Segundo o promotor Paulo Veiga, o objetivo do MPE é verificar a situação das famílias que permaneceram na área de encosta e das que

ainda estão no parâmetro do sorteio. “Nós estamos pedindo a documentação de todas as famílias para analisar em quais opções elas se encaixam. Infelizmente o deslocamento imediato destes moradores é muito difícil e para que elas possam ser retiradas é necessário que tenham lugar para onde ir” destacou o promotor. Minha Casa, Minha Vida Aconteceu na quarta-feira, dia 25, no Centro de Difusão João Batista de Azevedo Picanço, a reunião entre a Caixa Econômica Federal (CEF) e órgãos do Estado e do Município de Macapá. Na pauta, a retomada do programa “Minha Casa, Minha Vida Quilombola”, do Governo Federal, que havia sido interrompido no Amapá. Pelo menos 50 casas A intenção da Caixa é executar um projeto-piloto para garantir o financiamento de casas populares a partir do cadastro feito por associações quilombolas legalmente constituídas. A perspectiva é de que nesse primeiro momento cada comunidade seja beneficiada com pelo menos 50 casas. Reabertura do Museu Sacaca Com a reabertura do Museu Sacaca, programada para o dia 3 de fevereiro, a Praça de Alimentação será mais um espaço de lazer a disposição da comunidade. A praça é composta por quatro quiosques para venda de comidas típicas, açaí com complementos, sorvetes de sabores regionais e tapiocas variadas. Calendário de matrículas na rede municipal A Secretaria de Educação do Município de Macapá – SEMED definiu o calendário de matricula para o ano letivo de 2012, da rede Municipal de Ensino. De acordo com o calendário estabelecido nos dias 30 e 31 de janeiro, a matrícula iniciará para a Educação Infantil do 1º e 2º período nas Creches. Ensino fundamental e de jovens e adultos Para o Ensino Fundamental de 09 anos, do 1º ao 5º ano a matrícula ocorrerá no período de 01 a 03 de fevereiro, assim como a Educação de Jovens e adultos das 1ª e 2ª etapas. Para o ensino Fundamental de 08 anos de 5ª a 8ª série a matrícula ocorrerá no período de 06 a 08 de fevereiro. Para a Educação de Jovens e Adultos das 3ª e 4ª etapas também acontecerá no mesmo período de 06 a 08 de fevereiro de 2012. Carnê-leão 2012 A Receita Federal aprovou programa que emite o carnê-leão para o recolhimento mensal obrigatório do Imposto de Renda Pessoa Física (IRPF). Segundo o Fisco, o aplicativo deverá disponibilizado na primeira semana de fevereiro. O pagamento da primeira parcela vence no final do próximo mês. De acordo com a Instrução Normativa 1.241, publicada na segunda-feira, o contribuinte deverá informar para o cálculo do imposto os fatos geradores ocorridos entre 1º de janeiro de 2012 a 31 de dezembro de 2012. Quem está obrigado a recolher Estão obrigados a recolher o Imposto de Renda mensal os contribuintes que tiverem rendimento com locação de imóveis, pensão alimentícia, por serviços ou trabalhos prestados sem vínculo empregatício, rendimentos recebidos de fonte no exterior, entre outras hipóteses. O crescimento da dívida externa brasileira A dívida externa brasileira cresceu US$ 40,545 bilhões de janeiro a dezembro de 2011, fechando em US$ 297,349 bilhões. A expansão foi de 15,78% na comparação com 2010. Desse volume, US$ 136,780 bilhões se referem a dívidas de bancos, US$ 98,301 são do setor privado, US$ 57,836 bilhões são do governo e US$ 4,433 bilhões são da dívida da autoridade monetária.


Política

JD

Macapá-AP, quinta-feira, 26 de janeiro de 2012

Editor: Pablo Oliveira - pc.oliveira@jdia.com.br

Sob clima de aproximação entre PT e PSD, Dilma e Kassab trocam elogios Dilma recebeu de Kassab a Medalha 25 de Janeiro e elogiou a capacidade do prefeito de administrar

E

m meio às negociações entre PT e PSD para a formação de uma aliança nas eleições municipais de São Paulo, a presidente Dilma Rousseff e o prefeito Gilberto Kassab trocaram elogios na comemoração dos 458 anos da cidade. Dilma recebeu de Kassab a Medalha 25 de Janeiro e elogiou a capacidade do prefeito de “agregar” e se aproximar das “pessoas mais diferenciadas”. “Queria dirigir um cumprimento especial e um agradecimento a essa figura capaz de agregar e criar vínculos fraternos e republicanos com pessoas das mais diferenciadas, que é o prefeito Gilberto Kassab, a quem sou muito grata por essa honraria”, afirmou. O prefeito, que mantém as portas abertas para um acordo com o PSDB na capital paulista, fez um aceno generoso à gestão federal do PT. Apesar se declarar

DIVULGAÇÃO

independente, seu partido, o PSD, se aproxima da base governista nas votações do Congresso. “A senhora sabe o quanto todos nós brasileiros que vivemos em São Paulo torcemos e trabalhamos pelo seu sucesso. O sucesso do nosso governo é o sucesso do Brasil”, disse Kassab. “Eu expresso o sentimento desses 11 milhões de brasileiros que moram na cidade.” Homenagens Além de Dilma, também receberam uma homenagem da Prefeitura o expresidente Fernando Henrique Cardoso e do governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB). Também esteve presente ao evento o ex-governador paulista José Serra - que esta semana sofreu um golpe político após à declaração de FHC de que Aécio Neves seria o “candidato óbvio” do PSDB à Pre-

PROCLAMAS DE CASAMENTO

O oficial do Registro Civil de casamentos e mais anexos da Comarca de Macapá, capital do Estado do Amapá, Republica Federativa do Brasil, por nomeação legal, etc... FAZ SABER que se pretendem casar:

MYRTO CHRISTIAN ROSS ROSENIR DE OLIVEIRA SANTOS

Ele é filho de John Ross e de Berthe Zoé Vigon. Ela é filha de Olavio de Oliveira Santos e de Piedade de Oliveira Santos. Quem souber de qualquer impedimento legal que os iniba de casar um com o outro, acuse-os na forma da lei Macapá-Ap., 25 de Janeiro de 2012 Josiane Cavalcante de Souza Escrevente Autorizada

PROCLAMAS DE CASAMENTO

O oficial do Registro Civil de casamentos e mais anexos da Comarca de Macapá, capital do Estado do Amapá, Republica Federativa do Brasil, por nomeação legal, etc... FAZ SABER que se pretendem casar:

CARLOS ALBERTO BOTELHO MENDES JANEIA MAIA OLIVEIRA

Ele é filho de Americo Mendes e de Paulina Mendes. Ela é filha de Ramyr Anaice de Oliveira e de Edineia Maia Oliveira. Quem souber de qualquer impedimento legal que os iniba de casar um com o outro, acuse-os na forma da lei Macapá-Ap., 23 de Janeiro de 2012 Josiane Cavalcante de Souza Escrevente Autorizada

A presidente Dilma e o prefeito Gilberto Kassab trocaram elogios na comemoração dos 458 anos da cidade

sidência em 2014. Em seu discurso, Dilma disse a FHC que espera que o reconhecimento aos expresidentes da República se torne hábito no País. “Espero que esse reconhecimento, que eu acho importante que nós tenhamos o hábito de fazer para os ex-presidentes da República, seja uma prática do Brasil democrático”, afirmou. Dilma lembrou ainda a cerimônia de 2011, quando o ex-vice-presidente José Alencar recebeu a ho-

menagem da Prefeitura de São Paulo. “Tive a honra de participar há um ano de uma cerimônia como esta, que homenageou um grande brasileiro, uma pessoa que deu grandes serviços ao nosso País, o nosso querido e inesquecível José Alencar”, afirmou. Na cerimônia, Dilma fez uma série de declarações de amor a São Paulo, com direito a citar o trecho mais famoso da música “Sampa”, de Caetano Veloso: “Alguma coisa acontece no

A5

meu coração, que só quando cruza a Ipiranga e a Avenida São João”. No coração da mineira Dilma, é a esperança que desperta quando ela passa por esse cruzamento. “Eu acho que tem outro sentimento, outra sensação, que passa no coração dos brasileiros quando cruzam a Ipiranga com a Avenida São João, e eu acho que sempre foi uma sensação de esperança”, afirmou. “Esperança de todos aqueles que, muitas vezes, saíram do Norte e Nordeste do País em busca de ganhar a vida, mas também uma imensa esperança de que nosso País pode ser do tamanho de São Paulo. Eu acho que, sobretudo, essa esperança é que está sempre no coração e na cabeça da gente”.

Planalto demite chefe de gabinete do Ministério das Cidades

O

chefe de gabinete do Ministério das Cidades Cássio Ramos Peixoto foi exonerado do cargo. O desligamento foi publicado no Diário Oficial da União de ontem, 25, e assinado pela ministra Gleisi Hoffmann (Casa Civil). Em novembro, o Estado revelou gravações de uma reunião em que integrantes da pasta manobraram para derrubar parecer técnico contrário à mudança do projeto de uma obra em Cuiabá (MT). A autorização para a alteração teria partido de Cássio Ramos Peixoto. Reportagem do Estado mostrou que a diretora de Mobilidade Urbana da pasta, Luiza Gomide, com autorização de Cássio Peixoto alterou parecer técnico que vetava a mudança do projeto do governo de Mato Grosso de trocar a implantação de uma linha rápida de ônibus (BRT) pela construção de um veículo leve sobre trilhos (VLT). A mudança aumentaria os custos da obra em R$ 700 milhões. A obra, que chegaria a R$1,2 bilhão, também foi reprovada pela Controladoria Geral da União. Higor Guerra, analista do Ministério das Cidades que teve sua nota adulterada, confirmou a fraude. Na ocasião, o titular da pasta, Mário Negromonte (PP), negou as denúncias de fraude e em audiências públicas no Congresso afirmou que houve falha técnica por parte de funcionários da pasta. O ministro é um dos cotados a perder o cargo na reforma ministerial.


Economia

JD

Macapá-AP, quinta-feira, 26 de janeiro de 2012

Editor: Pablo Oliveira - pc.oliveira@jdia.com.br

Consumidores pagarão menos por chamadas de telefone fixo para celular Pela decisão da Anatel, aos poucos, os usuários vão pagar cada vez menos a partir de fevereiro eles passem a pagar R$ 0,48

A

partir de fevereiro, os consumidores pagarão menos pelas chamadas telefônicas de fixo para móvel. O Conselho Diretor da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) definiu ontem (24) que o valor das tarifas dessas chamadas será reduzido. Em média, a redução será de 10% sobre os valores pagos pelos consumidores. Apesar de ter sido aprovada na noite de ontem, a medida só será válida a partir do mês que vem. A decisão faz parte de uma norma da Anatel, aprovada em outubro de 2011, que define que os usuários deverão ser beneficiados com a redução de tarifas, de forma gradual, até 2014. A ideia é fazer com que os usuários possam obter ganhos de até 45% no que se refere ao

pagamento de tarifas telefônicas. Pela decisão da Anatel, aos poucos, os usuários vão pagar cada vez menos. No total, a agência pretende promover a redução em três etapas. A última deve ficar em 7%. Até o fim do ano passado, os consumidores pagavam, em média, R$ 0,54 por ligação de telefone fixo para móvel. A ideia é que a partir de fevereiro eles passem a pagar R$ 0,48. Depois, em 2013, paguem R$ 0,44 e, em 2014, R$ 0,425. A norma foi publicada em novembro de 2011. Após a publicação, as empresas de telefonia tiveram 20 dias para a execução da medida. Em caso de não cumprimento, a Anatel informou que tomará as providências em relação a essas empresas.

A6

DV I ULGAÇÃO

A decisão faz parte de uma norma da Anatel, aprovada em outubro de 2011

Demanda por voos domésticos cresce 15,7 % em 2011, diz Anac

A

demanda por voos no mercado doméstico brasileiro apresentou crescimento de 7,27% em dezembro em relação ao mesmo mês de 2010, enquanto a oferta de assentos, no mesmo período, avançou 9,14%, segundo dados divulgados nesta quarta-feira pela Anac (Agência Nacional de Aviação Civil). No acumulado do ano, a demanda cresceu 15,72%, e a oferta, 12,94%. Desde 2002, já são 194% de crescimento na demanda interna, segundo a agência. De acordo com a agência reguladora, no mês passado as participações de mercado das duas maiores companhias aéreas recuou na comparação anual: a da TAM recuou de 44,07% para 40,96%, enquanto a da Gol foi de 37,06% para 34,56. Entretanto, se for incluída a participação de mercado da WebJet -adquirida em julho do ano passado- a Gol chega a um market share de 40,48% no último mês de 2011.

Desemprego está no pior nível, diz a OIT Caixa já investiu mais DIVULGAÇÃO

de R$ 1,4 bi no banco Panamericano

DV I ULGAÇÃO

Em 2011 criação de 1.944.560 vagas formais, um recuo de 23,6% em relação ao resultado de 2010, quando foram criados 2,54 milhões de novas vagas

E

ntrando no quarto ano, a crise econômica põe o mundo à beira de uma explosão social que exigirá um plano de resgate trilionário para ser superada. Dados divulgados pela Organização Internacional do Trabalho apontam que a crise do desemprego é a pior já registrada e a economia mundial terá de criar 600 milhões de postos de trabalho até 2020 para inserir os que hoje estão desempregados e ainda incorporar milhões de jovens que entrarão no mercado produtivo. A estimativa é de que os governos terão de investir 2% do Produto Interno Bruto (PIB) mundial - US$ 1,2 trilhão - para criar os postos de trabalho eliminados e ainda dar uma resposta à nova geração de trabalhadores. Além disso, a recessão que eclodiu em 2008 exigirá uma década para ser superada. Desde 2007, 27 milhões de pessoas perderam o trabalho, fazendo o número global de desempregados atingir o recorde de 197 milhões de pessoas, uma alta de 13% em poucos anos. Metade dessa massa

de desempregados está nos países ricos e a taxa média mundial de desemprego passou de 5,5% para 6,2%. Na América Latina, 3 milhões de pessoas foram demitidas nos dois primeiros anos da crise, fazendo a taxa subir de 7,0% para 7,7%. Em 2010 e 2011, porém, o índice caiu para 7,2%. A esperança era de que, a partir de 2011, a economia mundial voltasse a crescer e começasse a gerar postos de trabalho. Mas o ano terminou com um resultado frágil. Nos países ricos, mais de 2 milhões de pessoas foram demitidas, o que foi compensado pela expansão nos mercados emergentes. Neste ano, desaceleração da economia mundial fará com que pelo menos outros 3 milhões fiquem desempregados. O número, porém, poderá ser ainda maior se a Europa não der uma solução para sua crise da dívida e a própria OIT já admite que o ano verá a eliminação de 6 milhões de postos de trabalho e outros 5 milhões em 2013, metade na Europa. “Tudo indica que o desemprego continuará a crescer”, alertou

Jose Manuel Salazar, diretor executivo da OIT. Na Europa, 45 milhões de pessoas estão sem trabalho. Um terço já busca emprego por mais de um ano. Na melhor das hipóteses, a taxa de desemprego que bateu 8,8% em 2010 será reduzida para 7,7% em 2016. Mas, ainda assim, estará acima dos 6,1% de 2008. A tarefa só ficará mais complicada nos próximos anos. Além de dar uma solução aos 200 milhões de desempregados, o mundo verá uma explosão da oferta de mão de obra, com a chegada ao mercado de 400 milhões de novos trabalhadores. Nos países emergentes, a expansão demográfica será a principal responsável. Sem uma resposta, governos poderão registrar protestos, explosão social e violência. Esse “caldo” já começa a ser fermentado diante das dificuldades em encontrar trabalho. Hoje, 29 milhões de pessoas pelo mundo já abandonaram a busca por um emprego diante da falta de oferta. Se esse contingente fosse somado ao total de desempregados, o número chegaria a 225 mi-

lhões de pessoas e a taxa do desemprego passaria de 6% para 7%. Outro fator é o desemprego recorde entre jovens. O número absoluto chega a 74 milhões de pessoas, 4 milhões a mais em relação a 2007. Em alguns países europeus, metade desses jovens não encontra trabalho. Década perdida. Se a crise continuar, a previsão é de que em 2016 haverá mais 9 milhões de desempregado. Na OIT, a percepção é de que os pacotes de austeridade que se proliferam para dar uma resposta à crise da dívida estão deteriorando ainda mais a situação. Em 2013, portanto, o desemprego pode bater recorde na Europa, com uma taxa de 9%, acima dos 8,8% de 2010. Para a OIT, não há dúvidas de que os planos adotados por governos para lidar com a crise não estão gerando empregos. A entidade, portanto, pede investimentos e que criação de postos de trabalho esteja entre as prioridades. “Sair ou não da crise vai depender da criação de postos de trabalho”, alertou Juan Somavia, diretor da OIT.

Vendas fracas do óleo diesel preocupam o setor

À

s vésperas de completar o primeiro mês de obrigatoriedade de oferta do óleo diesel S50, com menor teor de enxofre em sua composição (no caso, 50 partes por milhão), a demanda, ainda tímida, pelo produto, principalmente entre veículos pesados, preocupa o setor. A medida faz parte do Programa de Controle da Poluição

do Ar por Veículos Automotores (Proconve), criado em 2009. Entre as razões elencadas para a baixa procura pelo novo diesel, a mais citada é o prazo dado aos fabricantes de veículos pesados para entregar, até março, os veículos vendidos e faturados em 2011, cujos motores podem funcionar com qualquer dos três tipos de

óleo diesel a disposição no país. Como o diesel S50 é o tipo mais caro custa, em média, R$ 0,10 a mais do que os tipos S500 e S1800 - ainda não consegue estimular a adesão dos consumidores, mesmo sendo menos poluente. O S50 só é obrigatório para motores pesados fabricados a partir deste ano. A nova frota menos

poluente, estimada em quase 170 mil novos veículos pela Associação Nacional de Fabricantes de Veículos Automotores (Anfavea), só deve começar a rodar no segundo trimestre do ano. “Demanda baixa implica giro baixo do produto e o produto não pode passar do prazo de comercialização, [pois corre o risco de] se deteriorar.

O investimento da Caixa no Panamericano já chega a R$ 1,4 bilhão

O

investimento da Caixa Econômica Federal no Panamericano já chega a R$ 1,4 bilhão, considerando apenas os valores relativos à participação acionária de 36,56% no banco que pertencia a Silvio Santos. Ou seja, sem levar em conta os recursos para garantir seu funcionamento no dia a dia. Para entrar no Panamericano, a Caixa pagou R$ 740 milhões. Na semana passada, o banco público colocou mais R$ 658 milhões, em uma operação de aporte de capital feita em conjunto com o outro sócio do Panamericano, o BTG Pactual. O dinheiro novo servirá, segundo os sócios, para equilibrar de vez as contas do banco após a descoberta - e resolução - das fraudes contábeis de R$ 4,3 bilhões. Além disso, parte do dinheiro será usada para bancar a compra da Brazilian Finance & Real Estate maior financeira independente de empréstimos imobiliários do País -, anunciada no fim do ano passado. Desde que entrou no negócio, em dezembro de 2009, a Caixa ainda não obteve retorno com o investimento no Panamericano. Mesmo assim, a direção do banco informa, por meio da assessoria de imprensa, que está satisfeita com o negócio. “A capitalização do Panamericano, aprovada em Assembleia de Acionistas nessa quarta-feira (da semana passada), marca a nova fase do banco, agora consolidado para competir no mercado e ser um dos agentes de desenvolvimen-

to do País”, informa a instituição, em nota. Um analista de mercado que pede para não ser identificado pondera, no entanto, que a Caixa poderia ter feito uso melhor do R$ 1,4 bilhão aplicado no Panamericano até agora. Ele lembra que, nos últimos anos, em média, as negociações de bancos tiveram um preço equivalente a uma vez e meia o patrimônio líquido. Isto é, um banco com patrimônio de R$ 1 bilhão foi, na média, vendido por R$ 1,5 bilhão. Outras opções. Tomando por base essa média e o fato de a Caixa possuir apenas 36,56% do capital total do Panamericano, daria para comprar, com o mesmo valor de investimento, participações em bancos como Cruzeiro do Sul, Bicbanco, Pine, Fibra, Daycoval, Alfa e Sofisa, entre outras instituições. Vale frisar que todos pertencem ao segmento dos chamados bancos médios, onde também se encaixa o Panamericano. Mais até: com R$ 1,4 bilhão, a Caixa poderia tornar-se sócia, de uma só vez, de Cruzeiro do Sul, Pine e Fibra, que, somados, tinham patrimônio líquido de R$ 3,2 bilhões em setembro, segundo dados enviados ao Banco Central (BC). O exercício considera uma participação da Caixa nessas instituições igual à que detém no Panamericano. Quando começo a cogitar a expansão por meio de aquisições, na esteira da piora da crise global, entre 2008 e 2009, a Caixa deixou claro que não tinha como objetivo adquirir integralmente outros bancos.


JD

Geral

Macapá-AP, quinta-feira, 26 de janeiro de 2012

A7

Editor: Pablo Oliveira - pc.oliveira@jdia.com.br

Brasil fica em 99º em ranking Mesmo com evasão de sobre liberdade de imprensa renda, carnaval movimenta O economia informal no AP Apesar dos materiais para a confecção das alegorias e fantasias serem comprados no sul e sudeste, postos de trabalho foram criados para a folia

Q

uem não vive os bastidores do carnaval dificilmente tem ideia do aquecimento econômico que a tradicional festa pode gerar em uma cidade. Mesmo com os investimentos milionários e o fraco retorno tributário para o poder público, os entusiastas acreditam que mesmo assim vale a pena gastar na quadra carnavalesca. Um desses exemplos de entusiasmo é o coordenador de costura Alex Ferreira que há vinte anos trabalha com o carnaval e se esforça para cumprir a missão de preparar as fantasias da Escola de Samba Unidos do Buritizal. “Eu trabalho com o carnaval há 20 anos, sou do Estado do Pará, mas moro em Macapá há 12 anos. Amo a minha profissão e espero sempre por esse período para conseguir essa oportunidade de melhorar minha renda do mês”, diz Alex. Contratado para elaborar as duas mil vestimentas das 12 alas da escola, o carnavalesco está em ritmo acelerado para a finalização das fantasias . Além dele, mais 40 trabalhadores temporários foram contratados entre costureiras, aderecistas, serviço de colagem e outros. De acordo com a presidente de honra da agremiação, Cila França, a escola que traz o samba de enredo “Universo Azul” será a terceira a desfilar na aveni-

Nos barracões do meio do mundo, produção vai a mil e contra o tempo

da Ivaldo Veras, no dia 18 de fevereiro. “Essas pessoas nos ajudam a preparar todos os passos para um grande desfile na avenida e só com muita dedicação conseguimos isso”, conclui a presidente. Outros postos Robcley Paixão, morador do bairro Jesus de Nazaré, é um trabalhador autônomo que também vê no carnaval uma oportunidade de obter uma renda extra em 2012. O convite para trabalhar na produção dos adereços da Escola de Samba Solidariedade veio através de um amigo, que todos os anos atua na produção da agremiação. Para Rodicley, essa é uma oportunidade não apenas de ganhar um dinheiro a mais, como também de aprender uma atividade que poderá lhe abrir novas portas no mercado de trabalho. “Este é o primeiro

ano que trabalho no Soli e está sendo muito bom, estou aprendendo a produzir adereços e a trabalhar de forma artesanal com a produção de resplendores, chapéus, braceletes e vários outros adornos”, declara Rodicley. De acordo com a presidente do Solidariedade, Lizete Jardim, somente este ano aproximadamente 40 trabalhadores foram contratados para a fabricação dos adereços da escola, recebendo um salário de R$ 1.000 equivalente a todo o período de produção. Para a contratação de pessoal, a presidente da agremiação procura dar prioridade aos moradores da comunidade e, principalmente, para os membros da agremiação, que durante todo o ano acompanham e trabalham no projeto de carnaval para o ano seguinte. “Por ser

morador da comunidade e fazer parte da escola, sempre tive a oportunidade de trabalhar nessa etapa de produção e como já estou há muitos anos nesse trabalho, hoje coordeno e acompanho toda a confecção junto aos novos contratados”, afirma um dos coordenadores de ala da agremiação, Enderson Lemos. O trabalho na escola iniciou desde outubro de 2011, com a elaboração dos desenhos das fantasias e adereços pelo estilista Mário Pantoja, e com a produção das armações para esses adereços. O desfile do Solidariedade é assinado pela carnavalesca Raquel Castro, que tem como temática o Parque do Tumucumaque. Segundo a presidente Lizete Jardim, próximo ao carnaval as contratações deverão aumentar devido à demanda.

Faculdade baiana suspeita de superfaturar mensalidade

A

pós denúncia de que a Faculdade de Artes, Ciência e Tecnologia (Facet), de Salvador, cobrava mensalidade mais cara dos bolsistas do Programa Universidade para Todos (ProUni), o Ministério da Educação (MEC) fará uma investigação no local para apurar o caso. A reportagem denunciou que a Facet cobra valor diferenciado dos alunos que têm bolsa parcial do ProUni, que custeia metade da mensalidade. Enquanto para o público em geral a mensalidade do curso de direito era

R$ 690, para os bolsistas subia para R$ 1,2 mil. Na prática, segundo a denúncia, a instituição estaria cobrando dos bolsistas quase o mesmo valor de uma mensalidade integral e, ao mesmo tempo, receberia do governo as isenções fiscais previstas para as faculdades que fazem parte do programa. A Facet já foi notificada e tem 48 horas para prestar esclarecimentos ao MEC. O ministro Aloizio Mercadante, que assumiu ontem o comando da pasta, também determinou que uma equipe da Secretaria de Ensino

Superior do ministério vá até a faculdade baiana para verificar as práticas da administração em relação à cobrança de mensalidades de alunos beneficiados pelo ProUni e pelo Fundo de Financiamento Estudantil (Fies). Se forem constatadas irregularidades, será aberto um processo administrativo e a Facet poderá ser excluída do programa de concessão de bolsas. A Agência Brasil procurou a Facet, mas não obteve retorno da direção da instituição de ensino. Um comunicado divulgado na página da Facet na inter-

net informa que o valor “real” da mensalidade é R$ 1,2 mil, estabelecido em contrato. Segundo a nota, “a política de convênios da Facet, tais como pagamento antecipado [sic], é que levou à interpretação equivocada”. De acordo com a instituição, o valor de R$ 690 é cobrado apenas dos alunos que optam pelo pagamento antecipado, uma espécie de desconto. Em nota, o MEC informou que, caso haja descumprimento das regras, encaminhará as informações à Receita Federal “por se tratar de crime fiscal”.

Brasil ficou em 99º colocado em ranking anual elaborado pela organização Repórteres Sem Fronteira. O resultado deixa o País 41 postos abaixo da classificação feita em 2010, quando o Brasil ocupava a 58º lugar. A organização afirmou que a queda brasileira foi a mais acentuada da América Latina e justificou o resultado em função da morte de três jornalistas no ano passado. No relatório divulgado nesta quarta-feira, 25, a organização destacou que o “alto índice de violência” no Brasil e mencionou a presença do crime organizado e de atentados contra o meio ambiente como os principais ameaças à atividade dos profissionais da imprensa. A organização colocou o Norte e o Nordeste como as regiões mais perigosas para os jornalistas. O relatório não cita os três crimes mencionados no estudo. O ranking é elaborado há

dez anos e avalia 179 países. Na versão 2011-2012, ficaram nos primeiros lugares Finlândia, Noruega e Estônia, países que apareceram entre os dez primeiros em 2010. Da América Latina, o Uruguai foi o melhor colocado (32º). A Argentina ficou em 47º e Chile e Paraguai, em 80º. Depois do Brasil, aparecem Equador (104º) e Bolívia (108º). Nas últimas colocações ficaram Turcomenistão, Coreia do Norte e Eritreia. Perigo Na semana passada, a International News Safety Institute (Insi) colocou o Brasil como o 8º mais perigoso no mundo para o trabalho da imprensa. A classificação considera o número de mortes de profissionais. Em 2011, cinco pessoas morreram no exercício da profissão. Nas primeiras colocações ficaram Paquistão, México e Iraque.

Polícia Federal solicita informações sobre banco de itens do Enem

A

Polícia Federal (PF) solicitou ao Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep) informações sobre a quantidade de questões que formam o banco de itens do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), quantas foram pré-testadas e em que ano. A polícia também pediu que sejam apresentados todos os cadernos de prova do préteste aplicado em 2010. O pedido foi feito após solicitação do Ministério Público Federal no Ceará (MPF-CE) para que a PF aprofunde as investigações sobre o vazamento de questões do último Enem. Alunos do colégio Christus, de Fortaleza (CE), tiveram acesso antecipado a 14 questões que foram cobradas na prova de outubro por meio de uma apostila distribuída pela escola semanas antes da aplicação do Enem. A PF concluiu, depois de dois meses de investigação, que os itens vazaram da fase de prétese da qual a escola cearense participou, em 2010. A polícia pediu o indiciamento de um professor e um funcionário do colégio por envolvimento no caso, mas segundo o MPF os elementos apresentados

no inquérito são insuficientes para que a denúncia seja aceita. Por isso a PF solicitou novas informações ao Inep para complementar a investigação. A prova do Enem é composta por questões que integram um banco de itens do Inep. Antes de entrar para esse banco, cada questão passa por um préteste, que avalia se o item é válido e qual é o grau de dificuldade. Os alunos que participam do pré-teste são escolhidos aleatoriamente e, após responder ao caderno de questões, devolvem o material que deve ser incinerado. Segundo o Ministério da Educação (MEC), 91 alunos do Christus participaram do préteste em 2010 e as questões foram copiadas de dois dos 32 cadernos de prova aplicados na escola.

Dois prédios desabam no Rio e bombeiros resgatam quatro vítimas Dois prédios desabaram na noite de ontem no centro do Rio de Janeiro, de acordo com o Centro de Operações da prefeitura. Homens da Defesa Civil e do Corpo de Bombeiros trabalham no resgate de feridos e à procura de outras vítimas. Um terceiro

está com sua estrutura atingida. De acordo com a Defesa Civil estadual, quatro pessoas já foram retiradas dos escombros. Segundo o órgão, um era o zelador do prédio, cujo nome não foi divulgado. Ele afirmou aos bombeiros que não havia

ninguém no local (cujo horário de fechamento seria às 21h) no momento do acidente. Os bombeiros estimam que havia 11 pessoas no entorno. O edifício Liberdade e o prédio vizinho desabaram por volta das 20h30. Ficam na avenida Treze de Maio,

próximo ao Theatro Municipal, na Cinelândia. O maior tinha 18 andares, e o menor, dez pavimentos. Bombeiros também retiraram pessoas que estavam em um dos últimos andares de uma construção vizinha e que sinalizaram com celulares pedindo socorro.

ARTE FOLHA

ErnestoCarriço/AgênciaODia

“Eu estava na banca de jornal em frente ao prédio e, de repente, ele simplesmente caiu”, disse o analista de sistemas Fernando Amaro, 29, que trabalhava no quarto andar e tinha acabado de sair do prédio. Pessoas que estavam em prédios vizinhos contam que sentiram os imóveis balançarem, como se estivesse acontecendo um terremoto. Carros que estavam estacionados no entorno ficaram cobertos de poeira e entulho. A área foi isolada e provoca a interdição dos dois sentidos da avenida Almirante Barroso, entre a rua

Dois prédios desabaram na avenida Treze de Maio, no centro do Rio, cobrindo a região com poeira e entulho

Senador Dantas e a avenida Rio Branco. A rua Evaristo da Veiga também foi interditada ao tráfego, com desvio sendo feito pela rua do Passeio, sentido Lapa. De acordo com a assessoria do Corpo de Bombeiros, há 60 homens da corporação no local. A Polícia Militar enviou mais de 20 viaturas. A Light desligou o fornecimento de energia nos arredores para evitar incêndios. O Metrô Rio informou que as estações da Presidente Vargas, Uruguaiana, Carioca e Cinelândia foram fechadas.


JD

Informe Publicitรกrio

Macapรก-AP, quinta-feira, 26 de janeiro de 2012

A8


JD

DiaDia

Macapá-AP, quinta-feira, 26 de janeiro de 2012

B1

Editor: Pablo Oliveira - pc.oliveira@jdia.com.br

Desentendimento entre garimpeiros e guerrilheiros pode ter sido causa da chacina na Guiana Francesa Mortes teriam acontecido entre garimpeiros brasileiros e pistoleiros a mando dos guerrilheiros surinameses que usavam armas pesadas

I

nformações vindas da fronteira podem esclarecer as possíveis causas da chacina ocorrida no lado francês do garimpo de Marripasoulá, no Rio Maroni (Saint Laurent), fronteira entre Guiana Francesa e Suriname (Obiná), quando nove brasileiros foram assassinados em conflito armado, no último final de semana. O entrevero teria acontecido entre garimpeiros brasileiros e pistoleiros a mando dos guerrilheiros surinameses que usavam armas pesadas. Consta que os pistoleiros são contumazes em extorquir ouro de garimpeiros brasileiros para dividi-lo com a guerrilha. No auge de uma festança, com muita bebida,

drogas, comida e mulheres, bastou um pequeno desentendimento entre as partes para gerar a chacina. Guerrilha O grupo guerrilheiro surinamês está na região do Rio Maroni há mais de 30 anos e utiliza as mesmas táticas das FARC colombiana, como utilizar o tráfico de drogas e armas, prostituição e extorsão mediante seqüestro, arrecadando fundos para comprar armas e suprimentos. Vende proteção aos garimpeiros até contra as desprezíveis forças de defesa surinamesas, envoltas até o gogó na facilitação do tráfico internacional de drogas. O chefe da milícia é um ex- segurança do ex-presidente Henry Bouterse que mes-

mo fora do poder continua mandando e desmandando naquela ex-colônia holandesa. A chacina contra os brasileiros nada mais seria que um sangrento acerto de contas. Chacina A chacina na fronteira do Brasil com a França aconteceu poucas horas antes do presidente francês, Nicolas Sarkozy, visitar o local. Os fatos aconteceram na noite de sexta-feira para sábado pouco antes de Sarkozy chegar para pronunciar o tradicional discurso de princípio de ano nos territórios de ultramar. Segundo as fontes citadas, o tiroteio aconteceu entre dois grupos rivais que se enfrentaram pelo controle da região, um local conhecido como Dorlin, no sudoeste

da Guiana. Sarkozy começou neste sábado uma visita de dois dias ao território com um forte caráter eleitoral, a três meses do primeiro turno das eleições Presidenciais. O candidato socialista, François Hollande, que lidera as pesquisas, visitou os territórios ultramarinos na semana passada e neste domingo realizará nos arredores de Paris seu grande comício de início de campanha. O Chapadinhense Ivaldo Lima de Araújo, 34 anos, residente na rua Celina Araújo, 1137, bairro Areal foi um dos mortos durante o tiroteio no garimpo. Ivaldo Lima, estava no garimpo da Guiana Francesa há seis anos era casado e pai de tres filhos. Ivaldo foi exaluno do Colégio FAC.

DIVULGAÇÃO

Garimpo de Marripasoulá, no Rio Maroni (Saint Laurent), fronteira entre Guiana Francesa e Suriname (Obiná), quando 9 brasileiros foram assassinados

Antigo prédio da Vigilância e Saúde é alvo de saqueadores fotoshevertonmendes

Entre os 11 carros, alguns ainda podem ser reaproveitados, já que a Vigilância e Saúde possui manutenção própria para os veículos. No entanto continuam expostos a deterioração e depredação

Q

uem passa em frente ao antigo prédio do Departamento de Vigilância e Saúde (DVS), localizado na Rua José serafim, no bairro do Laguinho, acha que é uma casa abandonada. Pelo lado de fora é possível notar a quantidade de lixo logo na porta de entrada. Com os portões e portas abertos, o acesso de vândalos e usuários de drogas fica falicitado em qualquer horário do dia. Dentro da casa, a situação não é muito diferen-

te. Materiais de escritório se misturam com folhas e caixas vazias. Até pneus e baterias de automóveis estão empilhados debaixo da escada que dá acesso ao segundo andar do prédio. Desperdício Em tempos de corte de gastos e reestruturação dos cofres públicos, o desperdício parece não preocupar as autoridades competentes. No estacionamento da casa, foram contabilizados 11 veículos que pertencem diversos

Entre umgole eoutro

TULIOPANTOJA Sociólogo tuliopantoja@hotmail.com Dificuldades da municipalização Espera-se que, ao longo de sua vida escolar, o estudante receba ensino público e gratuito de qualidade. O ensino fundamental ficaria, então, a cargo dos municípios, o ensino médio a cargo dos governos estaduais e o ensino superior a cargo do governo federal. O problema é que, no meio desse caminho há inúmeros desvios, como a dificuldade do governo federal, estadual e municipal em estabelecer metas conjuntas. Tiro pela culatra Ao instituir, em 1º de janeiro de 1998, o Fundo de Manutenção e Desenvolvimento do Ensino Fundamental e de Valorização do Magistério (Fundef), o governo federal incumbiu os municípios de assumirem a responsabilidade pelo ensino fundamental, mas não os obrigou a isso.

A estratégia para atrair o interesse de prefeitos a assumirem tal compromisso foi liberar recursos. Logo... Conseqüência Hoje na capital amapaense, a prefeitura não dispõe de estrutura para assumir para si tal missão, e como o governo estadual já vem reduzindo gradualmente as vagas disponibilizadas para o ensino fundamentais nas escolas estaduais, o que se vê são as instituições repleta de pais de alunos encarando sol e chuva nas poucas vagas disponibilizadas para as crianças. Tem escola realizando até sorteio de vagas. Matriculas na rede estadual As matrículas para o ano letivo de 2012 iniciam na próxima quarta-feira, dia 1º de fevereiro, quando a Secretaria de Estado da Educação (Seed) irá disponibili-

órgãos da Prefeitura Municipal de Macapá, como a Guarda Municipal, Grupo tático de operações (GTO), e até uma ambulância do Samu. São carros que passaram do tempo útil ou que esperam receber manutenção para continuarem rodando, mas que estão parados sob sol e chuva. Entre os modelos, há uma pick-up de marca Corsa acumulando água e oferecendo o ambiente perfeito para a proliferação do mosquito da Dengue, no qual a Vigilância e saúde tanto

combate. Moradores vizinhos ao prédio relatam que durante a noite, o perigo de assaltos aumenta com a falta de iluminação. Eles contam que até os carros estão sendo saqueados por bandidos. Retiram as peças e vendem no mercado negro. A reportagem do JD presenciou uma pick-up de Marca Ranger com o capô aberto.

zar dez centrais de vagas em Macapá e três em Santana para auxiliar nesse processo.

centro da cidade, e deverá contar com os profissionais da instituição responsáveis pela Educação no Trânsito, os mesmo estarão realizando abordagens, repassando orientações verbais e informativas sobre como se utiliza as vias de forma segura.

Cadastro online Foi solicitado pela secretaria um programa ao Centro de Gestão de Tecnologia da Informação (Prodap) de modo que os pais ao se dirigirem á central de vagas e o sistema desenvolvido, por sua vez, vai gerar um cadastro onde ficarão armazenados todos os dados dos alunos, para que logo após, seja identificada uma escola que tenha vaga disponível. Centrais de vagas As centrais de vagas em Macapá irão funcionar nas seguintes escolas estaduais: Maria Ivone de Menezes, Antônio Cordeiro Pontes, Lucimar Amoras Del Castillo, Maria de Nazaré Vasconcelos, Ruth Bezerra, Antônio Ferreira Lima Neto, Mário Quirino, Antônio Messias, Cecília Pinto e Alexandre Vaz Tavares. Em Santana, nas escolas estaduais Barroso Tostes, Fonte Nova e Francisco Walcy. Projeto “Volta as Aulas” O Departamento Estadual de Trânsito do Estado do Amapá iniciou uma grande campanha educativa que faz parte do projeto “Volta às Aulas”. As primeiras ações deverão ser realizadas no

Carros saqueados Em dezembro de 2011, um homem foi flagrado pelos moradores por fur-

Eleições no SINJAP O sindicato dos servidores da Justiça do Estado do Amapá estará realizando no próximo dia 28 eleição para a nova diretoria do movimento sindical, até agora apenas três chapas foram inscritas para participarem do sufrágio, os sindicalizados poderão depositar a sua intenção de voto nos fóruns de Macapá e Santana e no Tribunal de Justiça. Nova agenda ambiental Os avanços alcançados na agenda ambiental brasileira desde a Rio+10 e as perspectivas para a Rio+20 foi apenas um dos temas abordados pela ministra do Meio Ambiente, Izabella Teixeira, durante a cerimônia de abertura do II Encontro Brasileiro de Secretários de Meio Ambiente - Articulação Política pela Sustentabilidade, que acontece até sexta-feira, em Porto Alegre. Código ambiental De acordo com a ministra, o debate sobre o Código Flo-

tar peças dos carros estacionados e posteriormente foi encaminhado ao Ciosp/pacoval. Mesmo assim, o lugar continua sendo visitados por outros infratores. Segundo Eliton Franco, diretor da Vigilância e Saúde, diz que já tem conhecimento da situação em que se encontra o antigo local e que já enviou uma solicitação a Empresa municipal de transportes urbanos (EMTU) para retirar os veículos do estacionamento, mas até agora não foi atendido. “Não te-

restal prossegue, destacando que a sociedade converge para soluções que foram concluídas. A ministra foi dura ao comentar sobre o desmatamento dizendo que a agenda ambiental não está restrita apenas ao licenciamento e fiscalização. Todos têm direitos e obrigações então têm de negociar e recolocar a agenda política na agenda ambiental, olhando sempre para frente! Aniversário de Macapá Com a mensagem “Macapá 254 anos. Meu norte, meu forte, meu lar”, a Confraria Tucuju comemora tradicionalmente mais um aniversário da capital do Amapá. A programação alusiva acontece nos dias 3 e 4 de fevereiro e promete levar a comunidade da “terra das bacabas” atrações que a faça reviver a história da capital amapaense. Quem não tem passado, não chega ao futuro! Homenagem a dois poetas A proposta de valorizar as raízes e a cultura do bairro continua a ser o forte da Universidade de Samba Boêmios do Laguinho. Este ano a escola apresenta no Sambódromo uma história que vem sendo construída há muitos anos. Osmar Júnior e Fernando Canto são os homenageados no enre-

mos guincho pra retirar os carros. Então tivemos que solicitar que outro órgão municipal retirasse.” Eliton ressalta que o DVS não tem mais responsabilidade com o prédio, mas que vai tentar contactar novamente o EMTU para que os carros sejam retirados o mais rápido possível. Entre os 11 carros, alguns ainda podem ser reaproveitados, já que a Vigilância e Saúde possui manutenção própria para os veículos. No entanto continuam expostos a deterioração e depredação.

do “Laguinho, África Minha: Canto e Revoadas de Dois Poetas Geniais”, que vai contar na avenida a história musical dos artistas laguinenses que têm o bairro como fonte de inspiração. A escola, campeã do último carnaval, promete deixar mais uma vez público e jurados impressionados com a criatividade, ousadia e beleza plástica que será apresentada pelos boemistas. A escola promete levar o público as lágrimas! Festival de Samba enredo O Festival de Samba de Enredo da Liga das Escolas de Samba do Amapá-Liesa acontece hoje no Sambódromo. A banda base das dez escolas de samba apresentam os sambas do carnaval 2012 para o público e apreciação dos jurados seguindo o que determina o estatuto de entidade. O Festival é a maior concorrência entre escolas de samba do Amapá depois do desfile. Nele o samba é julgado tecnicamente por uma banca de nove especialistas que avaliam letra, melodia e arranjo. No último Festival, em 2010, o vencedor foi a Universidade de Samba Boêmios do Laguinho com o enredo “Ìndio que te Quero Lindo”. Por hoje é o que há, até sábado!


JD

Polícia

Macapá-AP, quinta-feira, 26 de janeiro de 2012

B2

Editor: Fabrício Costa - fabriciocosta@jdia.com.br

Jovem assassinado no Marco Zero teria morrido por causa de uma briga no trânsito O crime aconteceu na noite do último domingo (22) quando Dinoel e o amigo, Adriano da Cruz Santos, foram interceptados por uma dupla ALINE KAYSER Da Redação

O

assassinato envolvendo o jovem Dinoel dos Santos Chaves teria começado a partir de uma briga de trânsito. Informação não confirmada pela polícia dá conta de que Adriano e Dinoel tiveram uma discussão no trânsito na esquina da Eletronorte, bairro Santa Rita e seguiram normalmente. Já no bairro Jardim Marco Zero, os dois foram interceptados pelos assassinos, os mesmos que teriam discutido normal-

mente. Para lembrar o crime O crime aconteceu na noite do último domingo (22) quando por volta das 20h Dinoel e o amigo, Adriano da Cruz Santos, de 26 anos, que estavam de moto foram interceptados por uma dupla que estava em outra motocicleta. Segundo testemunhas, o homem que estava no banco do carona disparou os tiros certeiros que mataram Dinoel e que feriram Adriano. Os criminosos fugiram tão logo cometeram o assassinato e ainda não foram presos pela polícia.

Polícia prende assaltante que disparou contra policial

U

m ex detento do Instituto de Penitenciária do Amapá (Iapen) foi preso por homens da Delegacia Especializada em Crimes Contra o Patrimônio (Deccp) quando tentava se tratar de um ferimento acometido durante um assalto. Ronielson Balieiro Leão está sendo acusado de ter cometido crime de assalto no último domingo (22). Naquela noite ele e um comparsa invadiram um mercantil localizado na Avenida Ivaldo Veras quando o sargento

Raimundo Ernesto, que estava fazendo compras, percebeu a ação e intimidou os assaltantes. Assim que percebeu, Ronielson acabou sacando o revólver e atirou na direção do sargento, que acabou alvejado no joelho. O sargento ainda disparou e acertou o pé de Ronielson. O criminoso procurou o Hospital de Emergências, ainda na madrugada de segunda-feira (22) e deu nome falso, mas acabou descoberto pelos policiais. (A.K)

Presa tesoureira da Colônia de Pescadores de Afuá

A

Polícia Civil de Afuá, na ilha do Marajó, sob comando do delegado Edgar Henrique Monteiro, prendeu em flagrante, no último dia 24 à tarde, Andréia do Socorro Barbosa Costa, de 40 anos, que atua como tesoureira na Colônia de Pescadores do município. Ela é acusada dos crimes de falsidade ideológica, estelionato e usurpação de função pública qualificada para obtenção de vantagem financeira. Andréia utilizava o nome da Prefeitura Municipal de Afuá e da Secretaria Municipal de Educação local em um carimbo falsificado, com objetivo de autenticar

solicitações do benefício do auxílio-defeso pago a pescadores pelo Ministério da Pesca e Agricultura, do governo federal. Ela confessou em depoimento ao delegado que mandou fazer o carimbo e que cobrava, de cada pescador, R$ 20 para preparar a documentação. De acordo com o delegado, a prática irregular foi denunciada à Delegacia na última segunda-feira. A partir da denúncia, o delegado juntamente com o escrivão Expedito Nascimento foram até a sede da Colônia de Pescadores, onde flagraram a tesoureira.

Ronda Policial JOÃO BOLERO Da 99,1 FM

Polícia prende um dos acusados de ter assaltado um hotel na Beira Rio Os agentes Charles Sant’clair e Robelino da DCCP prenderam ontem aqui na Capital o ÁLVARO PIRES DA SILVA. É que contra ele, existe um mandado de prisão, pois, é um dos acusados de ter assaltado no último mês de Dezembro, um Hotel que fica situado na Beira Rio, no Bairro Santa Inês, de onde os ladrões roubaram mais de 18 mil reais. Agora, os policiais estão a caça dos outros dois, cujo os nomes o Del. Luiz Carlos já tem e, é apenas, uma questão de tempo prendê-los. Polícia prende um dos assaltantes que baleou um policial militar em tentativa de assalto Agentes da DCCP prenderam ontem, no H.E de Macapá, o ROSINELSON

BALIEIRO LEÃO, ex detento do IAPEN, onde cumpriu pena de dois meses pela prática de assalto a mão armada. Desta vez ele estava assaltando novamente na noite de domingo um

Traficante é preso quando tentava fugir da polícia

O

traficante Francisco da Silva, de 26 anos, e um menor de idade foram surpreendidos em atitude suspeita quando estavam em cuma motocicleta em via pública na tarde de terça-feira. A equipe do tenente

Raiol, do Batalhão de Radiopatrulhamento Motorizado (BRPM) notou que os dois iriam empreender fuga e iniciou uma perseguição. Já as proximidades da Rua Stephan Hoat, os policiais atiraram no pneu da

motocicleta e fez com que os dois parassem. Com eles foram encontrados cerca de 500 gramas de entorpecentes, possivelmente crack e cerca de R$ 1.420 reais em dinheiro, segundo a polícia, possivelmente fruto da venda

da droga. Antônio foi levado para o Centro Integrado de Operações em Segurança Pública do bairro Congós e o menor levado para a Delegacia Especializada na Investigação de Atos Infracionais (Deiai). (A.K)

Pastor preso em Manaus teria estuprado pelo menos sete crianças em Curitiba

O

pastor evangélico da igreja Assembleia de Deus, Geraldo Pereira Nunes, de 69 anos, que foi preso na segunda-feira (23), em Manaus, no Amazonas, teria abusado sexualmente de pelo menos sete crianças em Curitiba, segundo a polícia. De acordo com as investigações, o acusado se valia de sua condição de pastor para ganhar a confiança das vítimas e usava, ainda, doces e dinheiro para atraí-las. Em entrevista coletiva realizada ontem, a delegada Maricy Montágua, do Núcleo de Proteção à Criança e ao Adolescente Vítima de Crime (Nucria), disse que as vítimas tinham entre 9 e 12 anos quando foram estupradas: foram seis meninas e um menino. Apesar da suspeita de sete casos, a estimativa é que mais crianças tenham sido abusadas. “Os estupros vinham ocorrendo a muito tempo, porque ele (Nunes) tinha contato direto com as crianças. Por ele ser pastor, muitos pais não acreditavam que seus filhos estavam sofrendo os abusos”, afirmou a delegada. A última vítima a se apresentar à polícia tem hoje 25 anos e só procurou as autoridades em novembro do ano passado, quando soube que outros casos atribuídos ao pastor estavam sendo investigados. “Ela disse que foi abusada dos 10 aos 12 anos por ele [Nunes], mas que não sentiu segurança para denunciar o caso por temer que ninguém acreditaria nela. Ainda hoje, ela demonstra estar muito traumatizada”, disse Maricy. Mercantil na Av. Ivaldo Veras, em frente a Cidade do Samba, só que quando eles anunciaram o assalto, estava naquele estabelecimento fazendo compras, o SGT PM Raimundo Ernesto, que sacou de um revólver e apontou para os dois, sendo que um deles atirou no joelho do militar, que mesmo baleado atirou no pé de um deles, no caso o ROSINELSON que ainda conseguiu fugir em companhia de seu parceiro de crime. Já pela madrugada de segunda-feira, ele procurou o H.E para se tratar, mas, deu o nome falso de Rosivan e disse que o ferimento no pé, tinha sido uma machadada. Ele foi identificado, preso e encaminhado a DCCP, onde o Del. Luiz Carlos tomou as providências cabíveis. Assaltantes roubam um saco de moedas de um carro da Souza Cruz Foi por volta das 12h30min de ontem,

Segundo a polícia, secretaria de igreja no Cajuru, em Curitiba, seria o local onde os abusos eram cometidos. Geraldo Pereira Nunes foi preso em Manaus (AM), na última segunda-feira.

Abusos ocorriam na igreja As investigações apontam que os abusos ocorriam na secretaria de uma igreja localizada no bairro Cajuru, em Curitiba. As crianças eram convidadas pelo pastor a jogar no computador, antes dos cultos. De acordo com a delegada, as crianças se sentavam no colo de Nunes para jogar. Enquanto isso, ele acariciava os corpos das vítimas. Para aliciair as crianças, o pastor ainda dava doces e dinheiro para as vítimas, segundo a polícia. De acordo com Maricy, assim que souberam dos estupros, alguns pais entraram em contato com outro pastor, que seria chefe de Nunes. Com as suspeitas, ele instalou duas câmeras na secretaria da igreja, que gravaram os crimes. “Já no primeiro dia [em que os que dois elementos que estavam em uma moto, armados com armas de fogo, eles aproveitaram que um carro da Souza Cruz estava parado em frente a um estabelecimento comercial, na Rua Paraná, no Bairro Santa Rita, justamente no momento que faziam a entrega de cigarros, quando os bandidos anunciaram o assalto, mas, só levaram um saco de moedas, que segundo uma das vítimas, importava pouco mais de 170 reais. Autônomo é assassinado a bala em Vitória do Jari Mais um homicídio no interior do Estado. Agora foi em Vitória do Jary, quando um homem de prenome NICKSONEI, vulgo “ Fran”, disparou quatro tiros contra o LUCIVALDO CASTELO BRANCO DA SILVA (23), sendo três na região do tórax e um na cabeça, crime ocorrido na Passagem Bom Jesus, Área Comercial, por volta das 10h00min da noite de segunda-feira (23), sendo que a vítima foi levada ao H.E de Laranjal do Jari, onde morreu na madrugada de terça-feira, naquela Casa de Saú-

equipamentos foram instalados], foram filmados abusos”, contou a delegada. O inquérito policial é constituído, entre outros elementos, por três vídeos que mostram duas crianças sendo abusadas e laudos periciais com a avaliação psicológica das vítimas. Segundo a delegada, todas as vítimas avaliadas psicologicamente relataram a mesma história e contaram o mesmo abuso. “Alguns pais, mesmo depois de assistir aos vídeos, ainda demonstravam pena do acusado. Eles [os pais das vítimas] diziam: ‘coitado, ele já é velhinho. Será que ele vai ficar preso muito tempo?’”, relatou a delegada. Prisão Após saber que estava sendo investigado, o pastor teria furtado R$ 3 mil da igreja e fugido para São de.Segundo a Polícia de Vitória do Jary, o motivo do crime foi vingança, é que na semana passada a vítima havia esfaqueado o Nicksonei, que jurou vingança. Até agora, o acusado não foi preso e nem se apresentou a Delegacia de Polícia daquele Município. Polícia Militar prende assaltante acusado de roubo a uma residência em Santana Já se encontra no IAPEN o IVAN WILKER COLEHO DOS SANTOS (24), residente no Bairro Cidade Nova, que além de ser foragido do IAPEN, ele é um dos acusados daquele assalto em uma casa na Rua Everaldo Vasconcelos, no Bairro Fonte Nova, em Santana, que aconteceu por volta das 11h00min da noite de domingo (22), quando eles renderam o proprietário ELIAS REAL DA SILVA e a família dele e roubaram várias jóias, celulares e dinheiro, onde acabaram sendo cercados por uma Guarnição do 4º Batalhão de Santana e, em uma troca de tiros, o JUCICLEY LEANDRO DE SOUZA “ Biqueta”, acabou sendo morto com dois tiros. O Ivan foi preso próximo

Paulo. De lá, Nunes teria seguido para Manaus, no Amazonas, onde se refugiou na casa da irmã, uma missionária religiosa. Nunes foi detido na segunda-feira em Manaus. Segundo informações da Polícia Civil amazonense, o religioso havia se mudado para o estado há dois meses. O mandado de prisão por estupro de vulnerável havia sido expedido no dia 13 de janeiro, pela Vara de Crimes Contra Criança e Adolescente do Paraná. Nunes foi localizado por policiais civis na casa da irmã dele, localizada no bairro Cidade Nova, em Manaus. A prisão ocorreu depois que a delegada Maricy Mortágua entrou em contado com as autoridades amazonenses, pedindo apoio, já que havia indícios de que o pastor evangélico havia se mudado para Manaus. a casa dele, quando tentava vender algumas jóias roubadas no referido assalto, assim como, também foi reconhecido pelas vítimas do assalto. Polícia Militar prende dupla com 500g de crack Uma Guarnição do BRPM comandada pelo Ten Raiol tentou abordar dois homens que estavam em uma moto na Beira Rio, em atitude suspeita, porém, quando os policiais se aproximaram deles, fugiram a toda velocidade, rumo a Zona Sul da Cidade, aí os policiais começaram uma perseguição, entretanto, a dupla começou a avançar preferenciais e semáforos vermelhos, mas ao chegarem na Rua Stefhan Hoauth, os PMs atiraram nos pneus da moto, momento em que o veículo derrapou e eles caíram no chão, onde acabaram presos. Os mesmos foram identificados por ANTONIO FRANCISCO DA SILVA (26) e o J.A.P.C (15). Com eles os canas apreenderam aproximadamente 500g de crack e a importância de 1.420,00 reais. O menor foi entregue na DEIAI, enquanto o Antonio foi flagranciado no CIOSP do Congós, pelo Del. João Neto.


JD

DiaDia

Macapá-AP, quinta-feira, 26 de janeiro de 2012

B3

Editor: Fabrício Costa - fabriciocosta@jdia.com.br

Empresário é condenado por transporte ilegal de madeira no Estado do Amapá Apelação de pena foi negada pelo Tribunal Regional Federal da I Região. A sentença atende parcialmente denúncia do MPF no AP

O

Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF1) condenou empresário Wendel Dias Martins e a microempresa de mesmo nome por adulteração de autorizações para transporte de produto florestal (ATPF) e venda ilegal de madeira. A sentença atende parcialmente denúncia do Ministério Público Federal no Amapá. Em 2005, quando ocorreu o crime, era preciso emitir a ATPF para controle do transporte e venda de madeira. Ao falsificar o documento, o empresário dificultou a fiscalização realizada pelo Ibama. Com isso, a empresa obteve mais lucro vendendo o produto em quantidade superior ao projeto de manejo. O réu, por meio da empresa Wendell Dias Martins-ME, preenchia a primeira via da ATPF e enviava

com a madeira ao estado de destino. Na segunda via do documento, utilizada para prestar contas ao Ibama, era informado valor bem abaixo do que constava na primeira via. A diferença entre o preço da madeira apontado nas vias de ATPFs enviadas e o declarado ao Ibama é de mais de R$ 300 mil. Condenação A sentença, proferida em 2009 pela 1ª Vara Federal da Seção Judiciária do Estado do Amapá, condenou o acusado à reclusão de 2 anos e 8 meses de detenção. A pena foi revertida em pagamento, em dinheiro, à Casa da Hospitalidade de Santana. O empresário e a empresa também foram multados. A acusação e a defesa recorreram ao TRF1, em Brasília. A apelação da defesa foi negada. O Tribunal

DIVULGAÇÃO

manteve a decisão e, atendendo recurso do MPF/AP, aumentou a pena e o valor da multa a ser paga. Para a decisão, não cabe mais recurso. DOF A ATPF, documento em papel e preenchido manualmente para autorizar transporte de madeira, foi substituída em 1º de setembro de 2006 pelo Documento de Origem Florestal. O DOF, por ser um sistema contábil eletrônico, impede a adulteração das guias. Reunião Amanhã, está marcada para acontecer uma reunião envolvendo órgãos estadual e municipal do meio ambiente para os madeireiros que foram notificados. A ideia é forçar a regularização dos empreendimentos.

Madeireiros do Amapá são notificados pelo Ibama por transporte de madeira ilegal

Reunião discute o ‘Projeto Brasil Quilombola’ dentro do AP

N

a tarde de ontem (25) a Secretaria Extraordinária de Políticas para Afro Descendentes (Seafro), se reuniu com o Gerente Regional da Caixa Econômica Federal (CEF), e com representantes das comunidades quilombolas e negras do Amapá, para que houvesse o esclarecimento do Projeto Brasil Quilombola (Programa Minha Casa Minha Vida Quilombola), do Governo Federal, que fornece fomentos a essas comunidades, para que as mesmas possam realizar construções e manutenções de moradias. “A pauta principal é a

retomada do ‘Programa Minha Casa Minha Vida Quilombola’ que está parado desde o dia 28 de junho de 2010, momento em que foi assinado, mas nunca saiu do Papel. Na época cerca de 8 milhões de reais foram destinados, mas não foram movidos” explicou Marilda Leite secretária da Seafro. Segundo a CEF a intenção é executar um projeto-piloto para garantir o financiamento de casas populares a partir do cadastro feito por associações quilombolas legalmente constituídas. A perspectiva é de que nesse primeiro momento

cada comunidade seja beneficiada com pelo menos 50 casas. Segundo Marilda Leite a reunião se fez necessária, porque os termos do Projeto precisavam ser esclarecidos, pois o mesmo deve ser moldado à estrutura física do Estado, pois as comunidades quilombolas e negras moram em diferentes relevos, o que tende a levar a um estudo antes do início das obras. A reunião contou com representantes de 80 comunidades negras de quilombolas do Amapá que esclareceram suas duvidas sobre o projeto do Governo Federal.

heverton mendes

Encontro contou com representantes da CEF, da Seafro e com representantes das áreas quilombolas

SEED inicia processo de municipalização das escolas do fundamental

D

esde o final do ano passado a Secretaria Estadual de Educação (Seed) está se reunindo com representantes de todas as prefeituras do Estado, para que Lei de Diretrizes e Bases da Educação (LDB) de 1996 seja colocada em prática no Amapá. A Lei divide a jurisdição da Prefeitura, do Estado e da União em relação às etapas educacionais. A LDB trouxe em suas cláusulas a necessidade da divisão das etapas educacionais entre a Prefeitura, Governo e a União. Segundo essa diretriz o primeiro fica responsável pelo fornecimento de Creches (Educação Infantil) e do Ensino Fundamental, já o segundo fica responsável pelo Ensino Médio e

Profissionalizante, e pode estar ajudando a Prefeitura no oferecimento dos estágios anteriores e a União além de oferecer o Ensino Superior e o Técnico, através de Universidades e Institutos Federais, também em termo de cooperação pode ajudar tanto Estado como Município. “É baseado nessa diretriz que estamos chamando os representantes de cada município para que o processo de municipalização da educação seja colocado em prática, claro que esse processo está sendo feito gradativamente. E a primeira etapa, por exemplo, será finalizada hoje com a última reunião com os representantes da Secretaria Municipal de Educação de Macapá”

explicou Eunice Bezerra, coordenadora do Núcleo de Educação Básica e Profissional da Seed. Segundo a coordenadora a municipalização é um processo que está atrasado há 15 anos, momento em que a LDB foi criada e já preconizava a necessidade de uma divisão das etapas educacionais, tudo porque até 1996 o responsável por toda a escolarização era o Estado, e o município tinha poucas escolas, o que sobrecarregava os setores estaduais. “O processo já havia iniciado em 1998, no Governo de João Alberto Capiberibe, porém ficou parado no Governo seguinte, pois esse repassou algumas escolas como Pequeno Pr��ncipe, Cantinho do Amor, Meu Pé de

Laranja Lima e Tia Madalena, para o município, mas nenhum desses repasses ocorreram de forma oficial, ou seja, nada foi feito para que houvesse o processo” contou Eunice. De acordo com a Seed Durante os noves que o projeto ficou parado os Municípios ficaram sem recursos, e o Estado alocou dinheiro em áreas que não eram de suas responsabilidades, e só quem saiu perdendo com isso foi à população. “E esperamos que em 2013 o processo seja terminado” explicou. Mas coincidência ou não o projeto está sendo implantado em um momento em que o Governo do Estado e a Prefeitura da Capital, travam cons-

tantes embates políticos, onde se sabe através da imprensa local que não há cooperação entres os lados, fato que leva ao questionamento de como o processo ocorrerá e se haverá mútua ajuda entre as partes. “Quero deixar bem claro que essa não é mais uma política de combate entre Prefeitura e Governo, pois no momento em o município recebe a escola, passará a receber recursos destinados a manutenção da mesma, ou seja, não estamos jogando mais um problema para as mãos das prefeituras, mas sim realizando o que está determinado na LBT, para que a população tenha cada vez mais, um melhor fornecimento da educação” con-

tou Eunice. E como o processo não poderá ocorrer de uma só vez, para o primeiro momento a Seed tem o objetivo de repassar à prefeitura, as escolas que ofereçam o ensino de 1º ao 5º ano e as demais etapas serão colocadas em prática posteriormente. Os Professores Segundo o processo a escola será passada para o município com todos os seus equipamentos físicos e pessoais já que os professores que são servidores públicos estaduais, continuaram a dar aula nesses locais, e continuarão a serem pagos pelo Governo do Estado, a única diferença e que passaram a dar aula para os municípios.

Moradores do Universidade querem Conselho de Segurança Comunitária no bairro ANDERSONCALANDRINI Da Redação

J

unto com o crescimento desenfreado em bairros periféricos, deuse início a criação das áreas de ressaca, que trazem historicamente muitos problemas estruturais, como a falta de coleta de lixo, instalações de água e luz precárias e o principal, a falta de segurança. Foi pensando nisso que em meio ao Governo de Waldez Góes, foi criado o Conselho de Segurança Comunitária, que tem representantes em todos os

bairros. O objetivo é levar os problemas de segurança diretamente ao Governo para que atitudes sejam tomadas, e assim o combate a prática seja imposto. Porém hoje os moradores do Bairro Universidade se perguntam onde está esse Conselho, que a mais de um ano desapareceu, e não está fazendo nenhuma melhoria para o problema dentro do bairro da zona sul. Até a presidente da Associação dos Moradores, Maria de Lurdes, não sabe a que patamar está o conselho, e nem ao

menos sabe se ele ainda tem uma representatividade dentro da localidade. “Desde a troca de Governo, não sabemos quem está responsável pelo conselho dentro do Universidade, sabemos que ele existe, mas não sabemos quem toma conta do mesmo. No ano passado fiquei sabendo que houveram várias reuniões internas com esses conselheiros, para determinar demandas e soluções, mas o nosso bairro ainda sente muito com a falta de segurança”, explicou Maria de Lurdes.

A presidente da associação afirma que assaltos e homicídios dentro do Bairro são frequentes, e que nada está sendo feito para mudar essa realidade, mesmo após o envio de vários ofícios aos setores de segurança pública. “Para não afirmar que não temos segurança pública, no passado a Escola Professora Neusona, recebia a vigilância da BRPM e da PM constantemente, principalmente nos momentos de entrada e saída de alunos, mas nesse período de férias, a movimentação de policiais dentro do bairro é

mínima” explicou Lurdes. De acordo com a população a situação ficou tão grave em 2011, que uma agencia dos Correios, que funcionava dentro do Bairro foi fechada devido não a falta de segurança dentro do Universidade. Nessa ocasião a imprensa local noticiou uma manifestação dos moradores, que reivindicavam o retorno da Agência. “Ao que parece isso deu certo, pois desde o início da semana a Agência voltou a funcionar, e por isso agradecemos o Jornal do Dia e as equipes de reportagem

que vieram fazer a cobertura do nosso ato, pois isso foi muito importante para mais essa vitória” contou a presidente da associação. Hoje, Maria de Lurdes tem outra batalha: conter a violência dentro do Bairro. “Nós já fizemos um apanhado das áreas de maior risco dentro do Universidade, e após isso enviamos ofício a Secretaria de Justiça e Segurança Pública do Amapá, para pedir mais policiamento, mas nenhuma atitude concreta foi tomada”, concluiu a diretora.


Santana

JD

Macapá-AP, quinta-feira, 26 de janeiro de 2012

B4

Editor: Fabrício Costa - fabriciocosta@jdia.com.br

CPTRAN apresenta estatísticas do trânsito e reinicia ações do Projeto Transitando para o Futuro Companhia de Policiamento de Trânsito continuará ações do projeto Transitando para o Futuro nas escolas municipais de Santana FOTOSANDREZASANCHES

O projeto foi lançado em Santana com o apoio da Secretaria Municipal de Educação e insere em uma das disciplinas escolares, atividades sobre as leis trânsito

andreza sanches Da Redação

N

a manhã de ontem (25), a equipe do Projeto Transitando para o Futuro, coordenado pela Companhia de Policiamento de Trânsito de Santana (CPTRAN) esteve reunida com representantes do Ministério Público, Secretaria Municipal de Educação, 4º Batalhão da Policia Militar e Circunscrição Regional de Trânsito (Ciretran) para apresentar o comparativo das estatísticas envolvendo acidentes de trânsito no município. O encontro reafirmou a participação dos parceiros no projeto e garantiu a continuação das atividades em 2012. Durante a palestra ministrada por um dos coordenadores do projeto, sargento Werick de Almeida

foi apresentado dado relativo ao número de acidentes ocorridos nas ruas, avenidas e rodovias de Santana em 2011, bem como número de vitimas fatal e parcial, além dos motivos que provocaram os acidentes. As estatísticas foram expostas de forma comparativa ao ano de 2010. Segundo o comandante do 4º Batalhão de Polícia Militar de Santana, tenente coronel Aclemildo Barbosa, com base nas ações desenvolvidas através do projeto Transitando para o Futuro, cujas atividades já ocorrem a pouco mais de um ano nas escolas municipais voltado a estudantes com idade entre 0 e 15 anos, houve redução no número de acidentes envolvendo crianças e adolescentes. “A iniciativa teve como proposta, inserir no conteúdo da educação básica,

noções sobre leis que regem o trânsito, visto que a escola é um dos principais ambientes para a promoção de campanhas educativas, e o projeto facilitou a abordagem e discussão de assuntos relacionados ao trânsito, o que proporcionou mudanças de comportamento no trânsito”, disse o comandante. Para o promotor de Cidadania, Adilson Garcia, os resultados do projeto estão sendo observados pelo Ministério Público, posterior as ações de 2011, serão analisados os pontos positivos e negativos. “A parceria poderá alcançar maiores resultados, estudaremos a possibilidade de solicitar recursos junto ao Programa Nacional de Segurança e Cidadania (PRONASCI) para avançar no que diz respeito as ações desencadeadas pelo proje-

to” declarou o promotor. O gerente da Circunscrição Regional de Trânsito (Ciretran), Jean Paes, acredita nos resultados do projeto no município e garante que as blitz educativas continuarão visando o reforço dessa iniciativa. “ Além da educação, é importante ressaltar que continuaremos com as ações educativas, mas intensificaremos as blitz repreensivas, como forma de fortalecer nossa meta, que é inibir comportamentos incorretos no trânsito, consequentemente reduzindo os acidentes” acrescentou Jean Paes. Transitando para o Futuro Uma das temáticas centrais do projeto é a figura do pedestre e do ciclista, já que o aumento da frota de veículos e falta de prudência no trânsito vi-

nha vitimando dezenas deles. Vale lembrar que em 2010, mais de 20% dos pedestres estiveram envolvidos em acidentes de trânsito. Em 2009, do total de acidentes de trânsito com vitimas fatais, 23% eram pedestres e 30% eram ciclistas. A proposta é trabalhar as leis e normas de trânsito em sala de aula com os alunos de 4º e 5º séries do ensino fundamental. Posterior a essas atividades, as ações são executadas fora do ambiente escolar, para que os alunos possam colocar em prática o que aprenderam sobre o trânsito. Entre os demais assuntos a serem tratados em sala de aula, estão “Conhecendo o trânsito, pedalando com segurança, travessia segura, pessoas

no trânsito, identificando elementos que compõem o ambiente, conhecendo o papel do individuo no trânsito, conhecendo o semáforo para o veículo e pedestres”. Os temas serão expostos e alunos convidados a desenvolver atividades que estejam relacionadas ao que foi exposto em sala de aula. O projeto prevê ainda caminhadas, bicicleatas e exposições de trabalhos dos alunos. A avaliação de todo trabalho desempenhado ao longo do ano é feito pela coordenação do projeto em conjunto com professores e os próprios alunos. Estatísticas Em 2011, o CPTRAN encerrou o ano com 71 acidentes de trânsito registrados.

Comunidade do Igarapé da Fortaleza promove 1º Carnaval do Povo andreza sanches Da Redação

N

o próximo domingo (29), a partir das 16h, na Arena Edilson Pereira, acontece a 1ª Edição do Carnaval do Povo do Distrito de Igarapé da Fortaleza. Sob a coordenação da Associação de Moradores do Distrito, o evento contará com a participação especial da Banda Placa, também conhecida por embalar carnavais nos distrito do Estado. A programação iniciará às 16h, com a comunidade reunida no entorno da principal arena de jogos do bairro, haverá apresentação de grupos de dança locais e a apresentação da bateria Escola nota 10 da

Escola de Samba Império do Povo do município de Santana. Segundo o presidente da Associação de Moradores do Distrito do Igarapé da Fortaleza, Efrain Coutinho, a ideia de promover o carnaval de rua surgiu com a necessidade de oportunizar a população a participar de eventos carnavalescos, porém promovidos mais próximos a comunidade. “Esta é a primeira vez que os moradores poderão participar de um carnaval de rua organizado dentro da própria comunidade, antes eles eram obrigados a se deslocar para Santana, Distrito de Fazendinha ou até mesmo Macapá para prestigiar o evento. A proposta é dar esse primeiro grito de carnaval de forma

Município de Santana define programação do Carnaval 2012

F

azendo parte da programação do Carnaval 2012 do Governo do Estado do Amapá, o município de Santana também terá uma vasta agenda de eventos. Serão seis dias de muito samba e curtição, iniciando em 12 de fevereiro com a realização do Carnaval das Águas. De acordo com o coordenador municipal de Cultura, Raimundo Vaz, aproximadamente 200 pessoas participarão dessa programação, que reu-

nirá em um percurso fluvial pelas localidades do município, com retorno previsto para as 20h. No dia 17, a partir das 21h, a população se reunirá no Corredor da Folia, localizado na avenida Santana, para a realização do Marabatuque, um movimento cultural que mistura os ritmos do Marabaixo e do Batuque das comunidades santanenses de Igarapé do Lago e Rio Pirativa. Com a abertura oficial do evento, será dado iní-

harmoniosa e sadia, será o primeiro passo para a temporada carnavalesca” disse o representante dos moradores Efrain Coutinho. Após a apresentação dos grupos locais, inicia o show com a Banda Placa, a partir das 19h em um palco montado na própria arena. A parceria com a banda aconteceu em função da tradição em promover bailes e eventos carnavalescos em diversos distritos amapaenses, e principalmente pela originalidade e diversidade musical, marca do grupo, que já tem anos de carreira e é genuinamente amapaense. “Convidamos toda comunidade, tanto do Distrito do Igarapé Fortaleza, quanto do município de Santana, Distrito de Fazencio à apresentação dos blocos Trio Pipoca da Associação de Musicas e Artistas Amapaenses (AMAPS) e blocos da Associação de Blocos Independentes de Santana e Associação de Blocos de Micareta, além da apresentação da Banda nacional Araketu. Ao todo, 10 blocos animarão a população, com muito samba, shows artísticos, micaretas e a tradicional Banda, que há três anos arrasta uma multidão pelo Corredor da Folia. Para aquecer os ânimos e preparar o povo santanense à grande festa, a Coordenação Municipal de Cultura estará realizando aos domingos um précarnaval que contará com shows artísticos e apresentações de bandas lo-

ANDREZA SANCHES

Esta será a primeira vez que a comunidade do Igarapé da Fortaleza participará do carnaval de rua

dinha e Macapá para prestigiarem esse primeiro grito de carnaval que pretendemos dar neste domingo, a partir das 16h” completou cais. Segundo Raimundo Vaz, a expectativa da Coordenação é levar aproximadamente 30 mil pessoas por noite para o Corredor da Folia. Programação oficial do Carnaval de Santana 2012 Dias: 15 a 12.02 - PréCarnaval Horário: 20h Local: Corredor da Folia localizado na avenida Santana Carnaval das Águas Horário: Saída às 08h Local: Porto do Grego, no município de Santana Sexta-feira - 17.02 Marabatuque Concentração às 19h Saída às 21h 21h - Abertura oficial com o Trio Pipoca 22h - Bloco My love 0h30 Araketu

o presidente da Associação de Moradores. O próximo evento ocorrerá na terça-feira de carnaval, com a tradicional 1h - Bloco Tô de Boa 2h - Bloco Liso dando Choque Sábado 18.02 20h30 - Trio Pipoca (Amaps) 22h - Bloco Camapu 23h15 - Bloco do Barulho 0h30 - Bloco Pororoca 1h45 - Bloco Uau e Bloco Nabalada Domingo - 19.02 18h - Bloco da Camisinha (Saúde) 18h45 - Bloco das Marias 19h30 - Bloco das Piranhas 20h30 - Trio Pipoca (Amaps) 22h - Bloco Porto Folia 23h30 - Bloco Faraó 1h - Bloco Uau e Bloco Nabalada Segunda-feira - 20.02 20h30 - Trio Pipoca

partida de futebol entre os times Dondocas e Bonecas, a partir das 16h, também na Arena Edilson Pereira. (Amaps) 22h - Bloco Faraó 23h15 - Bloco Camapu 0h30 - Bloco Uau e Bloco Nabalada 1h45 - Bloco Porto Folia Terça-feira - 21.02 15h - Futebol à Fantasia 17h - Boco Faraó Kids 17h45 - Bloco da Amaps 18h30 - Banda de Santana 19h15 - Bloco das Piranhas e Bloco das Dondocas 20h - Bloco Acerola 22h - Bloco Uau e Bloco Nabalada 23h30 - Bloco do Barulho 1h - Bloco Pororoca Sábado - 25.02 23h - Parangolé 2h - Pipocão da Banda Mix Show (Karla Marques/Secom)


JD

Esporte

Macapá-AP, quinta-feira, 26 de janeiro de 2012

C1

Editor: Pablo Oliveira - pc.oliveira@jdia.com.br

Santos investe em ex-vascaínos para disputar Amapazão 2012

Divulgada tabela oficial do campeonato amapaense deste ano

Equipe será comandada por Wilsinho Mendonça e Odvan poderá pintar no grupo

MARIO TOMAZ Da reportagem

MARIO TOMAZ

MARIO TOMAZ Da reportagem

D

epois de confirmar a contratação de quinze jogadores amapaenses, entre eles os meias Lessandro e Diogo Piraca, considerada a melhor dupla do futebol amapaense nos últimos anos, a diretoria do Santos Futebol Clube quer ir mais longe e confirmou o nome do treinador Wilsinho Mendonça, de dois auxiliares e a presença de pelo menos quatro atletas que já atuaram no Vasco da Gama do Rio de Janeiro. Entre os nomes divulgados pelo Santos estão o jogador Fabricio Carvalho e o zagueiro Odvan. Trinta e sete anos e uma lista de títulos invejável. Odvan já foi duas vezes campeão brasileiro, conquistou Libertadores, Copa Mercosul, Campeonato Carioca, Torneio Rio-São Paulo e até a Copa América. Com exceção do título pela Seleção Brasileira, em 1999, os momentos mais importantes da carreira do às vezes contestado “zagueiro-zagueiro” foram escritos com a cruz de malta no peito. Mas ele não se dá por satisfeito. Para Odvan, sua história no Vasco ainda não chegou ao fim. E, no que depender do próprio jogador, ainda terá novos e vitoriosos capítulos. O nome Odivan. Fora das quatro linhas, Odvan ainda é o mesmo menino que deu o primeiro pontapé no Americano de Campos, apesar dos 37 anos de ida-

Entre os nomes divulgados pelo Santos estão o jogador Fabricio Carvalho e o zagueiro Odvan (centro)

de. Seu nome é uma homenagem de sua mãe, dona Vera, à música composta pela dupla Roberto e Erasmo Carlos chamada “O divã”. A grafia não saiu a mesma, mas a letra, que fala sobre recordações, até parece, em alguns trechos, com o momento vivido pelo zagueiro. - Meu tio gosta muito do Roberto Carlos. Assim que eu nasci, ele estava ouvindo essa música, botou na cabeça e falou isso para minha mãe. Erraram e, graças a Deus, esse nome é conhecido e fico feliz por isso. Ainda mais sendo música do rei - disse Odvan, que, na verdade, gosta mesmo é de um bom pagode. Os treinamentos do Santos Futebol Clube estarão ocorrendo a partir do dia 22 de fevereiro e a grande preocupação do presidente Luciano Marba é de montar uma equipe competitiva, com as condições

necessárias de treinamento e a repetir a qualidade do ano passado, onde ficou com o vice-campeonato. “Nenhum jogado pode reclamar do nosso clube porque tivemos local para treinos, concentra-

mos nos melhores hotéis da cidade, a alimentação foi de qualidade e nossos parceiros estavam com a gente no objetivo de ser campeão, infelizmente havia o Trem no caminho”, lamentou o dirigente. MONTAGEMMARIOTOMAZ

A

Federação Amapaense de Futebol (FAF) divulgou nesta quarta-feira (25), a tabela oficial do Campeonato de Profissionais 2012. A competição inicia em 31 de março e termina em 28 de julho. Os jogos serão realizados às segundas/terças, quintas e sábados. Nenhum jogo foi marcado para o domingo. Os estádios que receberão a competição, por enquanto, serão apenas o Glicério Marques e o Augusto Antunes. O Zerão somente depois que fora entregue à comunidade. O clássico do porto entre Santana Clube e Independente Esporte Clube ocor-

rerá no dia 14 de março, às 16 horas no Augusto Antunes; já o clássico da rivalidade só acontecerá no segundo turno entre São José e Ypiranga Clube porque nessa primeira fase as partidas serão de equipes da chave A contra a Chave B. A Chave A está composta de São José, Ypiranga Clube, Oratório, Santana e Trem Desportivo Clube e na chave B – Santos F. Clube, São Paulo, Independente e Clube Atlético Cristal. A FAF divulgou ainda o regulamento da competição, Para se conhecer o Campeão do 1º turno, jogarão os vencedores dos confrontos das duas semifinais, jogando os mesmos em igualdades de condições


JD

Esporte

Macapá-AP, quinta-feira, 26 de janeiro de 2012

C2

Editor: Pablo Oliveira - pc.oliveira@jdia.com.br

Leão segura a liderança com empate Placar de 2 a 2 contra o Cametá evidenciou o equilíbrio entre as duas melhores equipes da competição

DV I ULGAÇÃO

DV I ULGAÇÃO

Depois de abrir o escore, o Cametá mostrou rapidez e objetividade

Remo arranca o empate (com Marciano) logo no começo do 2º tempo

N

o duelo entre o líder e o vice no Parque do Bacurau, o Remo conseguiu um empate no fim da partida e manteve a liderança isolada do Campeonato Paraense, com 10 pontos. O placar de 2 a 2 contra o Cametá evidenciou o equilíbrio entre as duas melhores equipes da competição até agora, mantendo o retrospecto invicto de ambos. Para o Remo, o resultado foi considerado bom e embala o time para o Re-Pa de domingo, no Mangueirão. O Mapará volta a campo no sábado, contra o Águia, como mandante. Ironicamente, na partida em que apresentou o melhor futebol até agora no Campeonato Paraense, o Remo não conseguiu vencer. Mesmo conseguindo pressionar o time da casa no fim do primeiro tempo,

o Leão sofreu um gol no final da etapa. Quando empatou, o Remo nem bem conseguiu comemorar já que o forte chute de Soares recolocou o Mapará na frente. Quando ficou com um a mais em campo, houve uma queda de energia no Parque do Bacurau e o time de Sinomar Naves, na base da insistência - já que o Mapará se fechou no campo de defesa - conseguiu o empate. Apesar de começar tímido, e sofrer certa pressão do time da casa, o Remo não teve problemas para, finalmente, encaixar o meio-campo e trocar passes no ataque. Com uma atuação sólida da defesa, o ataque do Mapará pouco assustou - o artilheiro Rafael Paty, por exemplo, teve apenas uma chance no primeiro tempo. E isolou. Do lado do ataque azulino, o

jogo parecia fluir bem: Rodrigo Ayres limpou bem o lance e chutou bonito de fora, obrigando Evandro a espalmar. No rebote, Aldivan ajeitou para a direita e chutou fraco. Porém, quando o Remo parecia mais forte na partida, o Mapará reeditou uma jogada que já havia feito o Paysandu de vítima: em falta cobrada na lateral direita, Soares levantou na primeira trave e Hallysson, de cabeça enfaixada, se antecipou e furou pela primeira vez a defesa do Remo no Campeonato Paraense. Atrás de velocidade, Sinomar Naves mexeu no time e fez o Remo voltar para o segundo tempo com Cassiano na vaga de Aldivan. Com o resultado positivo a seu favor, o Cametá mudou o estilo de jogo e passou a esperar as subidas do Remo para

Independente tem um plano B para a disputa da Copa do Brasil

F

altando ainda mais de um mês para a estreia do Independente Tucuruí na Copa do Brasil, segue indefinido o local onde será feita a partida. A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) insiste que o jogo contra o São Paulo seja em Belém, no estádio Mangueirão, há 427 km de Tucuruí. Mas o presidente do clube tucuruiense, Deley Santos, ainda tem esperança de conseguir que a partida seja na casa do Galo Elétrico, no estádio Navegantão. O jeito é apelar para o mandatário da entidade máxima do futebol brasileiro. “Estamos esperando o

presidente da CBF, Ricardo Teixeira, voltar de viagem para conversar com ele e resolver essa situação. Em até 10 dias, esperamos definir tudo, até porque, por conta disso, ainda não mandei confeccionar os ingressos”, revelou. Outra hipótese seria tentar transferir o jogo para o recém-inaugurado Estádio Municipal de Paragominas, mais próximo de Tucuruí e que é considerado o segundo melhor do Estado pela Federação Paraense de Futebol. “Seria interessante uma partida no interior, mas é inviável porque o estádio ainda

não está regularizado na CBF. Esse processo é burocrático e leva tempo, que provavelmente não seria o suficiente até o jogo”, afirmou Deley. A partida está marcada para o dia 7 de março, às 22h. Com isso, a alternativa mais viável, segundo o presidente do clube, é transferir a partida para o campo do Paysandu. “O nosso plano B, caso não consigamos trazer o jogo para o Navegantão, é transferir para a Curuzu. Preferimos por uma questão de logística: o aluguel é mais barato e, como é menor, será mais fácil de administrar”, explicou.

Atacante do Sampaio Corrêa ganha prestígio após golaço no Estadual

O

atacante Júnior Chicão (foto), que foi o artilheiro do Sampaio Corrêa na Copa União e na temporada de 2011, teve seu prestígio aumentado já na largada do Campeonato Maranhense de 2012 ao marcar um golaço e garantir a vitória boliviana sobre o Santa Quitéria no último domingo. Elogiado pelo treinador Josué Teixeira, Chicão ganhou a confiança e admiração dos companheiros pela humildade e dedicação aos treinos. Criticado algumas vezes pelos torcedores, Chicão disse que considera as cobranças normais, por entender que, como atacante, as cobranças são maiores. “Quando o gol demora a sair, é natural que venham as críticas, só que tento responder com muito trabalho e com gols”, ressaltou o artilheiro. Os preparadores Arlindo Azevedo e Arlindo Júnior também não pouparam elogios ao atacante. “É impressionante como Chicão cresceu. Ele evoluiu técnica

e fisicamente”, disseram. Sondado por empresários japoneses As caracteristicas do atacante chamou muito a atenção de empresários japoneses que no ano passado esteve no Maranhão observando o jogador, mas não houve evolução nas negociações e tudo leva a crer que Junior Chicão deve mesmo jogar fora do Brasil após a Copa do Brasil, campeão estadual de 2011 o atacante fez 4 gols, mas seu melhor momento no Sampaio foi a conquista da Copa União onde foi o grande artilheiro da competição com 13 gols. Para o presidente do clube Sérgio Frota o atacante vem crescendo a cada jogo com a camisa do Sampaio Corrêa e acredita que além de brigar pela artilharia do estadual o jogador também irá ser destaque na Copa do Brasil. “ O Junior Chicão é um atacante alto e de área, tem boa presença no gol adversário e é um atleta jovem com apenas 25 anos, tenho

recebido ligações de empresários e diretores de clubes pedindo informação do atleta, mas tudo tem seu momento certo e acho que após a Copa do Brasil podemos conversar a respeito de uma transferencia do atleta”, disse Sérgio Frota. O presidente tem um planejamento para 2012 que é a conquista do estadual, uma ótima campanha na Copa do Brasil e o maior objetivo é o acesso a Série C do Brasileiro de 2013, no ano passado a equipe foi eliminada nas oitavas de final, mas para o presidente esse ano vai ser diferente, “No ano passado eu achei que poderiamos ter conquistado o acesso, mas coisas acontecem no futebol e não avançamos na competição, já para esse ano quero meu time brigando pelo acesso e eu vou cobrar isso até porque hoje o Sampaio é um clube organizado e que cumpre tudo que é dito e escrito então esse ano vamos buscar esse acesso”, disse o presidente..

aproveitar as chances de contra-ataque. E o Remo, que não havia sofrido gols, demorou a reeditar a organização mostrada no primeiro tempo. Tanto que o gol de empate saiu mais uma vez de bola parada. Marciano, aproveitando a indecisão da defesa e a bola pingada dentro da área emendou uma “puxeta” e empatou. Mas o tempo para o Leão comemorar o empate foi curto: dois minutos após o gol azulino, Soares acertou um chute rasante que ainda bateu na trave direita de Jamilton antes de entrar. O gol baixou o ritmo do Remo e o Mapará retomou o domínio da partida, e quase marca um golaço com Rafael Paty, que acertou um belo voleio para defesa de Jamilton. Porém, quando o time da casa se preparava para botar o adversário na roda, por simulação, Soares, o melhor do jogo, foi expulso - e mais uma vez animou o Remo.

Estádio da Colina está liberado para o campeonato

P

residente da Federação Amazonense de Futebol, Dissica Tomaz, afirmou na manhã ontem que o Estádio Ismael Benigno, a Colina, São Raimundo, Zona Oeste de Manaus está liberado para os jogos da Série A do Campeonato Amazonense. De acordo com o laudo da Polícia Militar a Colina não teria condições de receber o torneio, pois coloca a integridade dos torcedores em risco, mas a FAF e a direção do São Raimundo resolveram assumir a responsabilidade e por isso pretendem resolver algumas questões, como a divisão entre as torcidas, alambrados e a falta de alguns assentos na arquibancada até sábado. “Algumas observações da PM procedem, por isso nós viemos in loco verificar, afinal é a integridade física do torcedor que está em jogo, mas junto com a direção do São Raimundo entendemos que no Amazonas o público ainda é civilizado e que a rivalidade entre o Tufão e o Princesa não é grande. Então está definido, dos mil lugares do Estádio, 900 serão para a torcida do São Raimundo e 100 para os adversários”, comentou o presidente. Segundo o laudo da PM a falta de divisões entre as torcidas poderia causar algum tipo de problema. “Essa também é uma preocupação nossa e para não determinar apenas uma torcida por jogo, como vem acontecendo em outros estados, vamos colocar até sexta-feira um alambrado que irá separar os torcedores durante as partidas e claro queremos que a Polícia Militar venha verificar isso no sábado”, completou Tomaz. Outra contrapartida foi que o Estádio só possuía um portão de acesso para as arquibancadas, porém de acordo com o Presidente esta é uma questão praticamente solucionada.

O jogo estava quente e o Remo buscava o empate quando o Parque do Bacurau virou um breu: um apagão, cujos motivos não foram elucidados até o fim da partida, paralisou o jogo por cerca de 15 minutos. Quando a partida voltou, o Remo, com um a mais e Magnum em campo, se assanhou. E mesmo com o Cametá fechado no campo de defesa, o Leão conseguiu, em mais uma jogada aérea, o empate. Pedro Balu cruzou no segundo

Bastaram 15 minutos para perceber que Magnum pode ser a peça que faltava para resolver a equação do setor de meia-cancha do Rem

pau e Rodrigo Ayres se aproveitou da péssima saída de Evandro para cabecear em gol vazio. Empate justo em um dos jogos mais emocionantes do campeonato.

Na Grande Área MARIOTOMAZ mariotomaz@jdia.com.br

Bola Cheia. Para a Rádio Mazagão OM que realiza pelo terceiro ano consecutivo o torneio de futebol para a comunidade do interior mazaganense. Dezesseis equipes estarão participando da competição no estádio Videirão. Fase final será no sábado e estaremos lá para acompanhar de perto. Premiação será em dinheiro e cerca de R$ 10 mil em investimentos. Bola Murcha. Empresário do ramo esportivo me liga para dizer que ainda não recebeu pelo material produzido para os clubes (uniformes de treinos e de jogo). Será que ainda vamos viver desta forma. Meu Deus, material esportivo, jogador, temos que acabar com isso!!! Começou. Ontem, no ginásio Avertino Ramos, a bola rolou pelo Campeonato Amapaense de Futsal Feminino. Lindas meninas e muita disputa marcam a competição e logo na estréia Penarol e Trem Desportivo Clube. Chave C. Depois de conhecermos os quatro primeiros classificados do Intermunicipal a bola está rolando agora no município de Pedra Branca. Os jogos serão realizados até sábado quando se conhecerão os classificados á próxima fase. O Intermunicipal é realizado pela federação com apoio do Governo do Amapá. Lucas Lacerda. Com 14 anos foi considerado um dos melhores armadores das Olimpíadas Escolares Nacionais. O jogador do São José, esteve re-

presentando a escola Podium e vestindo a camisa do Amapá na competição. Rainha 2012. Presidente Socorro Marinho me liga para informar que estará realizando a apresentação oficial do Rainha 2012 em Outubro, tudo para que as candidatas possam se preparar para o maior evento de beleza no próximo ano. Indígena. E a bola continua rolando pelas Olimpíadas Indígenas 2011. A próxima parada será a aldeia de Aramirã, em Amapari neste mês. Equipe da Sedel trabalha para deixar a competição redondinha para seu final. Antonio Luiz. O comentarista que sabe o que diz embarca hoje em direção ao interior paraense, seguindo para Santarém, depois Oriximiná e finaliza em Manaus. O objetivo é acertar detalhes familiares e rever amigos. Quando retornar voltará com novidades em sua coluna, Toque de Primeira. Carmem Lanche. Estivemos fazendo uma visita ao seu Manoel, no Carmem Lanches. Estava preocupado com nossa saúde e com o Trem na final. Calma seu Manoel, tanto eu como o Trem estão bem. Luciano Marba. Presidente do Santos Futebol já está sendo indicado pelos colegas de imprensa como melhor dirigente do ano. Paga em dia, equipe se concentra em hotel pena que alguns não respeitam a moral que está sendo dada.


JD

Esporte

Macapá-AP, quinta-feira, 26 de janeiro de 2012

C3

Editor: Fabrício Costa - fabriciocosta@jdia.com.br DIVULGAÇÃO

Entre outros esportes CBF

Novo carro da nova equipe Caterham, que divulgou a imagem em sua conta no Twitter

Caterham, ex-Lotus, mostra o novo carro para a temporada 2012 da F-1

fotos DIVULGAÇÃO

Copa de 58 A CBF (Confederação Brasileira de Futebol) confirmou nesta quarta-

feira que a seleção enfrentará a Suécia em 15 de agosto no estádio Rasunda, palco da decisão da Copa de 1958. A partida em Estocolmo marcará a despedida do palco que consagrou Pelé, Garrincha e companhia. A Federação Sueca de futebol já anunciava o jogo com o Brasil desde o final do ano passado. Atualmente, o Rasunda tem capacidade para 36 mil torcedores, bem menos do que os quase 50 mil que assistiram ao triunfo brasileiro em 58. Ele será substituído por uma arena mais moderna, que será a nova casa da seleção sueca.

Gianluigi Buffon

Lançamento oficial estava marcado para amanhã, mas a imagem do carro vazou na internet e o Twitter oficial da escuderia publicou uma foto ontem

A

equipe Caterham, que era Lotus até o ano passado, antecipou o lançamento do novo modelo CT01, que será usado por Heikki Kovalainen e Jarno Trulli na temporada de 2012 – ainda há especulações sobre a vinda de Vitaly Petrov para a vaga do italiano. O lançamento oficial estava marcado para quinta-feira, mas a imagem do carro vazou na internet e o Twitter oficial da escuderia publicou uma foto nesta quarta, prometendo mais detalhes e uma entrevista com o chefe Mike Gascoyne para o dia seguinte. A foto vazou porque o lançamento oficial aconteceu através da revista britânica “F1 Racing”, que chegou nas mãos de seus assinantes um dia antes. Apesar da mudança de nome, as cores da escuderia foram mantidas, e o design do carro apresentou um bico mais baixo, sinali-

O melhor rs fala serio O italiano Gianluigi Buffon, da Juventus, foi escolhido o melhor goleiro do mundo dos últimos 25 anos. Ele ficou à frente do espanhol Iker Casillas, do Real Madrid, na votação da IFFHS (Federação Internacional de História e Estatística do Futebol). O brasileiro mais bem colocado foi Cláudio Taffarel, goleiro da seleção brasileira nas Copas do Mundo de 1990, 1994 (ano do tetra) e 1998.

Dwight Howard zando uma tendência que deve ser seguida por outros times devido às regulações técnicas para a temporada. O carro contará com motores Renault, e deverá fazer o seu primeiro teste em Jerez de la Frontera no mês que vem, durante os ensaios coletivos. Maiores detalhes sobre as

especificações do bólido deverão ser divulgados ainda hoje. Além dela, a F-1 terá outras duas equipes com nomes diferentes daqueles utilizados em 2011. A Renault passará a se chamar oficialmente Lotus e a Virgin Racing será Marussia. Depois da Caterham, a equipe que divulgará o car-

ro de 2012 será a McLaren (dia 1 de fevereiro), seguida por Ferrari e Force India (dia 3), Lotus (dia 5), Sauber e Red Bull (dia 6) e Mercedes (dia 21). Williams, Marussia, Toro Rosso e Hispania não divulgaram ainda as datas de apresentação do modelo que usarão este ano.

Após ascensão meteórica, Charles do Dona do Bronx “renasce” no UFC em novo peso primeiro ouro DIVULGAÇÃO

do Brasil em Olimpíadas, Jackie Silva reaparece no vôlei de praia

C estinhadahistória Depois de registrar o recorde de 39 lances livres em uma só partida há duas semanas, Dwight Howard atingiu outra marca histórica na NBA. Mesmo em noite discreta, o astro do Orlando Magic se tornou o maior cestinha da história da franquia. Na noite da última terça-feira, o Orlando venceu o Indiana Pacers fora de casa por 102 a 83, e Howard marcou 14 pontos. Foi o suficiente para somar 10.657 pontos pelo Magic e ultrapassar a marca que era de Nick Anderson, astro do time na década de 1990.

Dentinho & Samambaia

DIVULGAÇÃO

O mais novo papai Mais um jogador de futebol terá um filho em 2012. O atacante do

Charles Oliveira, o Charles do Bronx, comemora uma de suas vitórias no UFC

C

harles Oliveira começou sua carreira no MMA com uma ascensão veloz e um festival de nocautes e finalizações. Entre 2008 e 2010, construiu um cartel que o levou ao UFC e a uma invencibilidade de 14 lutas, tornando-se mais uma esperança de cinturão para o Brasil. A realidade no maior evento da atualidade, no entanto, foi dura. Após três combates sem vitória, o apelidado Charles do Bronx tenta renascer no Ultimate. Ele estreia como peso pena este sábado em Chicago, no UFC on FOX 2. O paulista de Guarujá, de apenas 22 anos, encara o estreante no UFC Eric Wisely para testar a agilidade que marcou suas primeiras vitórias. “Estou mudando para uma categoria nova e rápida, o que é muito bom para mim. Esta preparação foi a mais intensa que eu fiz, sem descansar Natal e Ano Novo, e com meus colegas internados 24h

por dia comigo. Estou voando”, afirmou Charles, ao UOL, diante do que considera o desafio mais importante da sua carreira. Charles entrou no UFC fazendo três lutas no segundo semestre de 2010. Depois de vencer Darren Elkins e Efrain Escudero, conheceu sua primeira derrota contra o mais experiente Jim Miller. Em seguida, venceu Nik Lentz, mas viu o combate ficar sem resultado devido a uma joelhada ilegal. O terceiro compromisso sem triunfo foi na derrota para Donald Cerrone, um dos grandes pesos leves da atualidade. “Quando comecei a treinar MMA, eu falei que queria lutar contra todos os melhores. Foi o que aconteceu. Derrotei dois grandes nomes, mas depois houve as derrotas e o ‘no contest’. Claro que fiquei abatido, mas aprendi muitas coisas”, explicou o brasileiro. “Aprendi, por

exemplo, que não preciso lutar toda hora, como ocorreu. Tenho de ter um tempo, me preparar por dois ou três meses. Foi o que tive agora, treinei muito para voltar a vencer.” O lutador teve em sua preparação a presença de Jorge Patino, o Macaco, experiente lutador de MMA, que ajudou na decisão de descer para os penas. Segundo Charles, ele estava ficando fisicamente mais forte nos últimos meses, mas o ganho muscular estava tirando sua velocidade. Agora, o lutador que estava acostumado a se adequar aos 70 kg da categoria leve terá de cortar mais quatro para se pesar como peso pena (66 kg) e, se a teoria funcionar, ele poderá usar a velocidade e a forte pegada contra lutadores menores. A envergadura deve ser outra arma, já que ele mede 1,78 m - Wisely, por exemplo, tem 1,73 m.

Jacqueline Silva volta para atuar na base

J

às

areias

acqueline Silva fez história em Atlanta, em 1996, quando, ao lado de Sandra Pires, conquistou a primeira medalha de ouro para o esporte feminino do Brasil em uma Olimpíada. Egressa das quadras e uma das responsáveis pelo boom do vôlei de praia nas décadas de 1980 e 1990, Jackie Silva, como ficou conhecida nos EUA e depois mundialmente, voltou recentemente a uma atividade ligada ao esporte que a consagrou. A carioca Jackie, aos 49 anos, tem agora a missão de revelar talentos nas areias do Rio de Janeiro. “É uma tremenda responsabilidade renovar o voleibol de praia”, resume ela.

Shakhtar Donetsk Dentinho anunciou na tarde desta quarta-feira que sua mulher Danielle Souza, mais conhecida como Samambaia, está grávida e será pai pela primeira vez. “Pessoal sou a pessoa mais feliz do mundo! Mais um sonho meu está para se realizar... Descobri hj que vou ser PAPAI!!!”, postou em seu Twitter. O ex-corintiano ainda celebrou a relação com sua esposa. “Obrigada meu amor por me dar mais essa alegria! Sou a pessoa mais feliz do mundo”, escreveu no microblog.

Alan Kardec

Sentiu-se mal O atacante Alan Kardec desfalcará o Santos no jogo contra o Ituano, nessa

quinta-feira em São Caetano do Sul, pela segunda rodada do Campeonato Paulista. O jogador não treinou na manhã desta quarta no CT Rei Pelé, pois sentiu-se mal na noite de terça-feira e teve diagnosticada uma virose. Alan Kardec foi autor do gol do Santos na estreia do Estadual, contra o XV de Piracicaba, no último sábado. Ele deve ser substituido pelo meia Breitner. O restante da equipe deve ser a mesma da estreia.


JD

Esporte

Corinthians vira e ganha 8ª Copa São Paulo de juniores

Macapá-AP, quinta-feira, 26 de janeiro de 2012

C4

Editor: Fabrício Costa - fabriciocosta@jdia.com.br

Vasco aposta na força do elenco para repetir o sucesso de 2011

DIVULGAÇÃO

Com a vitória sobre o Fluminense, o Corinthians amplia sua vantagem sobre o rival que possui cinco troféus do mesmo torneio

C

om dois gols do zagueiro e capitão Antônio Carlos, o Corinthians ganhou de virada por 2 a 1 do Fluminense e conquistou sua 8ª Copa São Paulo de futebol júnior, na 43ª edição da competição. Todos os tentos foram marcados na segunda etapa. O atacante Michael abriu o placar para o time carioca aos 4min. Aos 20min e aos 43min, o zagueiro Antônio Carlos marcou dois gols muito parecidos. Ambos foram de cabeça, após cobranças de escanteio. Uma do lado esquerdo e outra do lado direito. Com esta vitória sobre o Flu, o Corinthians amplia sua vantagem sobre o rival, que possui cinco troféus do torneio e se vinga da derrota para o mesmo adversário na final de 1973. As duas primeiras taças corintianas foram ganhas em 1969 e 1970, quando a equipe das Laranjeiras não participou do certame, pois apenas clubes paulistas o disputavam. O técnico Narciso faturou seu primeiro título na base da equipe de Parque São Jorge. Em 2009, ele foi vicecampeão da competição com o Santos. O jogo Corinthians e Fluminense fizeram um primeiro tempo bem movimentado. A equipe carioca foi ligeira-

DIVULGAÇÃO

Matheuzinho levanta a taça do título com companheiros de equipe e comemora a conquista da Copa São Paulo de Futebol Júnior

mente melhor e teve as chances mais agudas da etapa inicial. O atacante Marcos Júnior foi o destaque do clube das Laranjeiras. Ele foi o protagonista de, pelo menos, três grandes lances do time carioca. Porém, em todas as oportunidades, o atleta falhou na conclusão. Logo aos 5min, o jogador ganhou a dividida com o zagueiro adversário e ficou cara a cara com o goleiro corintiano Matheus. Na hora

do conclusão, porém, ele chutou em cima do arqueiro. O atacante ainda tentou um gol de cobertura, aos 16min, e um cabeceio, aos 21min. Dois minutos depois, Marcos Júnior perdeu a grande chance da primeira etapa. Em um rápido contra-ataque, ele recebeu livre na ponta direita, chutou cruzado, mas a bola se perdeu pela linha de fundo. O Corinthians também criou boas jogadas com o lateral direito Cristiano, o meia

Matheuzinho e os atacantes Leonardo e Douglas. Porém, a exemplo do rival, a equipe paulista pecava nas finalizações. Assim, apesar da movimentação, os primeiros 45min terminaram sem gols. Na segunda etapa, o Fluminense abriu o placar após uma falha do goleiro Matheus, aos 4min. O lateral direito Fabinho cruzou na área, o arqueiro saiu mal e trombou com o atacante Michael. Na sobra, o atleta do time das Laranjeiras tocou para o gol vazio. O Corinthians, então, passou a pressionar em busca do empate. O técnico Narciso, vice-campeão em 2009 com o Santos, colocou a equipe de Parque São Jorge no ataque. Aos 20min, a pressão deu resultado: o zagueiro e capitão Antônio Carlos subiu livre e marcou de cabeça, após cobrança de escanteio. O clube alvinegro ainda sofreu uma baixa logo após o tento. O arqueiro Matheus sentiu o joelho e teve que ser substituído por Ravi. Porém, aos 43min, o zagueiro Antônio Carlos apareceu livre na área e, de cabeça novamente, virou o marcador para os corintianos. Desta vez, após um escanteio da direita. Assim, o Corinthians superou o rival carioca e ganhou seu 8º troféu da competição, que marca o aniversário da capital paulista.

Alecsandro foi titular da equipe, mas terá que lutar para pemanecer

O

ano de 2011 não começou nada animador para o Vasco, que com uma péssima campanha na Taça Guanabara entrou em crise, culminando no afastamento de Felipe e no empréstimo de Carlos Alberto para o Grêmio. Após algumas semanas, o maestro foi reintegrado e alguns jogadores importantes contratados, como Diego Souza e Alecsandro. Com a chegada de Ricardo Gomes no lugar de Paulo Cesar Gusmão, a equipe decolou e teve uma recuperação relâmpago e ainda no primeiro semestre sagrou-se campeão da Copa do Brasil. Com vaga assegurada para a Libertadores de 2012, O Vasco surpreendeu mais uma vez e manteve o foco no Campeonato Brasileiro, disputando o título ponto a ponto com o Corinthians até a última rodada. Durante a competição, o comandante vascaíno sofreu um AVC e os jogadores, sensibilizados, decidiram presentear seu líder com a taça. A história

não teve um fim tão bonito, já que a equipe terminou como vice do Brasileirão, o que deixou os torcedores ficaram com o gosto de quero mais na boca. Para este ano, o Vasco aposta na força do elenco para repetir, ou até mesmo, superar o sucesso obtido em 2011. O início foi animador, já que o Vasco estreou com uma vitória por 2 a 0, mesmo sem poder contar com jogadores importantes e considerados titulares como Felipe, Rômulo, Rodolfo, Éder Luiz e Tenório. Fagner, autor do segundo gol do Vasco, comemorou o fato de a equipe ter vencido mesmo sem a presença de alguns atletas. “A importância dessa partida foi demonstrar que o Vasco tem um elenco muito forte. Claro que ainda temos alguns jogadores de grande potencial que ficaram de fora, por lesão, ou ainda estão adquirindo sua melhor forma física. Sabemos que quando eles entrarem contribuirão muito.

Ronaldinho mostra empolgação na contratação de Vagner

E

m meio a uma crise de relacionamento com o Flamengo, o meia Ronaldinho demonstrou empolgação com a contratação do atacante e amigo pessoal Vagner Love, que foi confirmada ontem quarta-feira pelo clube carioca. “Para mim, é uma grande honra poder jogar com o Vagner Love. Ele é meu compadre, amigo, irmão, padrinho e afilhado. Por isso tudo, estou muito feliz. A chegada dele é muito boa para a gente. Considero o

Love como um dos melhores atacantes do mundo”, afirmou ao site oficial. Por conta da amizade, Vagner Love esteve presente na apresentação de Ronaldinho ao clube rubronegro, em janeiro de 2011, quando cantou e pulou ao lado da torcida na Gávea. Na época, mesmo vínculado ao CSKA, da Rússia, o atacante curtia folga no Rio. Ronaldinho, contudo, vive uma indefinição no Flamengo, que deve cerca de R$ 3,75 milhões ao jogador. A

DIVULGAÇÃO

maior parte é referente a salários, que deveriam ter sido pagos pela Traffic, empresa de marketing esportivo com quem o clube fez parceria ao repatriar Ronaldinho. Já Vagner Love teve uma passagem rápida pelo Flamengo no primeiro semestre de 2010, com 29 jogos e 23 gols. Nesta quarta-feira, o clube anunciou o retorno do atacante por três anos (até dezembro de 2014). Pagou cerca de R$ 20 milhões pelos seus direitos econômicos do atacante para o clube russo.

Ronaldinho recebe a camisa do Flamengo de Vagner Love na sua apresentação na Gávea

“Estou doido para jogar logo com o Ronaldinho. Ele é tudo isso para mim tam-

bém, meu irmão, padrinho, compadre, amigo... Não vejo a hora de entrarmos em

campo juntos”, afirmou Vagner Love, retribuindo os elogios de Ronaldinho.


Jornal do Dia 26 01 2012