Page 1

interditado

Poluição sonora na orla da cidade Por decisão judicial, bar na orla foi interditado. Micareta pode ter o mesmo fim. nB1

estreia

Trem bala tenta acelerar Mesmo sem brilhar, Vasco estreou com vitória no Campeonato Carioca. nC4

Fundado em 04 de Fevereiro de 1987

Quem lê, sabe mais! Macapá-AP, Terça-feira, 24 de Janeiro de 2012 - Ano XXV

Domingo e Segunda R$ 3,50 - Terça a Sábado R$ 1,50

execuções na fazendinha

economia Empresários italianos de olho no Amapá

PM investiga envolvimento de policiais em assassinatos Os irmãos William e Marcelo da Costa Sidone, de 27 e 20 anos, foram executados na manhã na praia de Fazendinha. Dois policiais militares estão sob suspeita de envolvimento

divulgação

Empresários amapaenses, italianos mostraram interesse em madeira, açaí e beneficiamento de castanha do Brasil. nB3

com o duplo assassinato. As munições usadas são de uso exclusivo da PM. A Corregedoria de Polícia e a Polícia Civil investigam o caso. nB2 heverton mendes

incerteza

Ponte binacional volta a ficar sem data para inauguração Apesar do governo do Estado ter assumido as obras finais do entorno da ponte, no lado brasileiro, a

inauguração da Ponte Binacional voltou a ficar sem data prevista para inaugurar. nB1

habitação

Famílias aguardam no bairro Açaí por lotes da Prefeitura Cerca de 60 famílias estão aguardando o aval da Prefeitura de Macapá para iniciar uma ocupação de um terreno no Bairro Açaí.

ciclismo

Vitória carioca na Antônio Assmar

Um show de malabarismo e muita determinação na 34ª edição da Corrida Antônio Assmar de Ciclismo, realizada no domingo, na beira-rio. nC1 mário tomaz

Segundo as famílias o local pertence à Prefeitura e nenhuma obra foi realizada lá nos últimos dez anos. nB1

sem conciliação

Assembleia chama para discussão Governo e Prefeitura, mas Estado não comparece

NA INTERNET www.jdia.com.br - REDAÇÃO 3217.1117 - COMERCIAL jdcomercial@jdia.com.br 3217.1100 - DISTRIBUIÇÃO 3217.1111 - ATENDIMENTO 3217.1110

nA4


JD

“ ” Opinião

Macapá-AP, terça-feira, 24 de janeiro de 2012

Editor: Fabrício Costa - fabriciocosta@jdia.com.br

EntreAspas

JANDERSON CANTANHEDE Jornalista

Em discussão – Se governo e a Prefeitura não se entendem, então a Assembleia Legislativa resolveu chamar para si ontem, a responsabilidade de mediar um diálogo rumo ao bom entendimento. Porém, o Estado não deu importância ao encontro. Única voz – Apenas a deputada estadual Cristina Almeida (PSB), líder do governo na AL, tentava defender a administração de Camilo. Porém, com o peso de reclamações e críticas feitas pelos participantes durante a audiência ficou quase impossível fazer uma defesa à altura.

Comparando – A meu ver, nesse fogo cruzado, quem só perde é a população de uma capital que não pode se dar ao luxo de ter dois políticos em pé de guerra. Roberto e Camilo parecem mais dois carecas brigando por um pente. Ou seja, se ouvissem a voz da sensatez não encontrariam motivos para a disputa. Fechado - Por conta da efetiva contaminação ambiental, a Diagro está fechando os matadouros de gado bovino e bubalino em diversos municípios do Estado.

Poluição - Um dos mais graves é o caso de Ferreira Gomes que vem poluindo até então as águas escuras daquele rio. Vários outros estão na mira como os de Pracuúba e Tartarugalzinho. Lançamento - Em breve, uma empresa de turismo estará lançando em Macapá um avançado cartão corporativo, nos mesmos moldes já existem no sul do país.

Agilidade - O cartão nada mais é de que um crédito pré-aprovado onde o empresário ganhará tempo e agilidade nas compras de passagens aéreas assim como nas reservas de hotéis no Brasil e exterior. Comodidade - Todo o procedimento pode ser feito através da internet, sem que o cliente saia do escritório ou mesmo use telefones para efetivar os procedimentos. Chacina - Mais uma vez os garimpos clandestinos da Guiana Francesa foram alvos de chacinas envolvendo brasileiros. A situação fica por conta de que tanto os franceses como guianenses não dispõem de mão de obra especializada na captação do ouro. Re-

FotodoDia

sultado: garimpeiro brasileiro e burro de carga na Guiana são a mesma coisa.

Morosidade - O prefeito Roberto Góes precisa cobrar mais agilidade da sua Secretaria de Meio Ambiente (Semam). Apesar de reunião prévia ter decidido pela agilidade do licenciamento aos aquicultores, já penalizados até com prisões indevidas pelo Batalhão Ambiental, seria efetivada as vistorias conjuntas. Qual o lado? - Como a Secretaria de Meio Ambiente teima em não ceder os fiscais, as autorizações para os aquicultores estão sendo proteladas. É preciso saber de que lado está o Meio Ambiente municipal ou se a palavra do secretário pode ser descartável? Pressa - Dois motivos principais levam o aquicultor de Macapá a ter pressa em ver seu pequeno mas importante micro-negócio regularizado. O primeiro é para não parar atrás das grades de forma autoritá-

ria. Em segundo, para aproveitar logo o período das chuvas para a limpeza dos viveiros e a introdução de alevinos para que em seis meses possa produzir a primeira safra. Contra ataque - Irritados com a abertura das contas e movimentações bancárias de todo o universo forense (206 mil magistrados, servidores e familiares), desembargadores da Justiça preparam o contragolpe. Eles miram precisamente a Lei 9.613/98 e a Lei Complementar 105/01 que impõe sanções à lavagem de dinheiro e criou o Coaf. Brechas - A estratégia que pode enfraquecer o Coaf foi desencadeada pela Associação Nacional de Desembargadores (Andes). A entidade aponta inconstitucionalidade de alguns artigos do conjunto de normas que definem os limites do órgão rastreador de malfeitos pela malha bancária. Até amanhã...

“Ojornalismoé,antesdetudoesobretudo,aprática diáriadainteligênciaeoexercíciocotidiano do caráter” (Claudio Abramo) Siga: @cantanhede_AP Acesse:jandersoncantanhede.wordpress.com Email: cantanhede@jdia.com.br

Sinsepeap, como entidade representativa, fez uma manifestação na Praça da Bandeira para manifestar seu repudio as atitudes tomadas pelo Governador de São Paulo junto com a Prefeitura de Pinheirinho-SP

HEVERTON MENDES

A2

Editorial

Engrenagem perversa

P

ode causar surpresa a muitos a informação de que nos primeiros 21 dias de 2012 os amapaenses já haviam pago, em conjunto, mais de R$ 34 milhões em impostos. Uma cifra modesta, levandose em conta a astronômica quantia de R$ 105 bilhões em impostos pagos por todos os brasileiros, apenas nos 21 primeiros dias do ano. Mais assustador, contudo, do que as cifras propriamente ditas – geradas por uma máquina de arrecadação das mais engenhosas do mundo - é verificar o resultado dessa contribuição cidadã em termos de melhoria na qualidade de vida d a população. Pelo que arrecada, o Brasil – Amapá incluído – deveria ter um padrão de vida tão elevado quanto o de países desenvolvidos. O que está muito distante de ser realidade. Para realizar esse sonho de todos que querem o bem nacional, o País precisaria tomar providências urgentes no sentido de fechar os ralos por onde grande parte desse dinheiro escoa de forma absurda. E o que não falta é ralo para ser fechado. Temos, como exemplo que está longe, muito longe de ser único, o caso da nossa Caesa, que vive situação falimentar. A empresa necessita urgentemente de mais dinheiro, pelo que dizem seus gestores. Os atuais e todos os que por lá passaram nos últimos anos. Curioso é que grande parte do dinheiro que a estatal investe corre diretamente para os ralos. Antes de chegar ao cidadão, a água tratada pela Caesa é desperdiçada em um sistema de distribuição obsoleto.

Grande parte do altíssimo investimento em produção se perde na deficiência da distribuição. A outra parte é consumida por uma pequena parcela da população. E neste caso, muitos gastam de forma inconseqüente, simplesmente porque não pagam a conta. Aliás, nem recebem a conta, porque a empresa é incapaz de cobrar de forma eficiente o que cada consumidor usa mensalmente. O resultado disso é que, a despeito da imensa carga tributária que pesa sobre suas costas, muitos cidadãos não conseguem ter acesso a um serviço essencial como é o de fornecimento de água tratada. Exemplos para ilustrar os variados tipos de ralos que tragam os recursos públicos no Brasil não faltam. Seria até enfadonho enumerá-los, visto que já são fartamente conhecidos. Corrupção, inchaço da máquina pública, planejamento mal feito, incapacidade de execução, falta de controle, descontinuidade das ações do poder público... Enfim, inúmeras variáveis que contribuem para o adensamento do mesmo problema. O mais desalentador de tudo, porém, é verificar como reagem a isso a grande maioria dos agentes públicos brasileiros: em vez de se debruçar sobre as causas que mantêm engrenada essa máquina de torrar dinheiro público, e de implementar ações de combate ao desperdício, nossos gestores sempre consideram que a melhor saída é aumentar a arrecadação. Uma atitude que revela absoluta incompetência ou incurável má-fé.

Hora-Hora

Uma publicação do Jornal do Dia Publicidade Ltda. CNPJ 34.939.496/0001-85 Fundado em 4 de fevereiro de 1987 por Otaciano Bento Pereira(+1917-2006) e Irene Pereira(+1923-2011) Primeiro Presidente Júlio Maria Pinto Pereira(+1954-1994) Diretor Editorial: José Arcângelo Pinto Pereira Diret. Adm. Financeira e Contábil: Maria Inerine Pinto Pereira Diretor de Assuntos Corporativos: Luiz Alberto Pinto Pereira Diretor Executivo: Marcelo Roza Assessoria Jurídica e Tributária: Dr. Américo Diniz — OAB/AP 194 Dr. Eduardo Tavares — OAB/DF - 27421 Editor-Chefe: Janderson Cantanhede Endereços Redação, Administração, Publicidade e Oficinas: Rua Mato Grosso, 296, Pacoval, Macapá (AP) - CEP 68908-350 - Tel.: (96) 3217.1110 E-mails pautas e contato com a redação: jornaldodia@jdia.com.br Editor-Chefe: cantanhede@jdia.com.br departamento comercial: jdcomercial@jdia.com.br josemaria@jdia.com.br mariaruth@jdia.com.br

Índice Opinião - A2, A3 Política - A4 Economia - A5 e A6

Meio Norte - A7 Diversão - A8 Dia Dia - B1, B3

JD na Internet: www.jdia.com.br VIA CELULAR: m.jdia.com.br Representantes comerciais JC Repres. Com. Ltda. - Brasília, DF n Tel. (61) 2262-7469 - Rio de Janeiro, RJ nº Tel. (21) 2223-7551, São Paulo Visão Global Comunicação S/C Ltda. n Rua Alvarenga, 573- Butantã - CEP - 05509-000 - São Paulo, SP Tel. (11) 3032-3595, Fax (11) 3032-4102. New Mídia - Belém-PA (Gil Montalverne) Tel.: (91) 3279-3911 / 8191-2217 Contatos Fale com a redação (96) 3217-1117 Fale com o departamento comercial (96) 3217-1100 / 3217-1111 Geral (96) 3217-1110 Conceitos emitidos em colunas e artigos são de responsabilidade de seus autores e nem sempre refletem a opinião deste jornal. Os originais não são devolvidos, ainda que não publicados. Proibida a reprodução de matérias, fotos ou outras artes, total ou parcialmente, sem autorização prévia por escrito da empresa editora.

Polícia - B2 Santana - B4 Classidia - 12 Pág

Ediçãonúmero 7809

Presença - Os professores Paulo e Marieta Guerra estiveram no lançamento do Novo Honda Civic no último sábado (21), pela manhã, na Safira Automóveis.

que Nacional do Cabo Orange (Oiapoque), continuam atravessando graves problemas de saúde, com muitos de seus habitantes tendo contraído malária.

Elogios - Depois de aprovarem o novo lançamento da montadora japonesa, em conversa informal como nosso diretor Editorial José Arcangelo, teceram fartos elogios ao conteúdo da Revista Nossa Gente, encartada todos os domingos no JD.

Dependência - No posto de saúde, como sempre, só medicamentos doados pelo Centro de Promoção Humana Frei Daniel de Samarate (Capuchinhos), enviados ainda logo no início de dezembro do ano passado.

Vaidade - Partindo destes dois ilustres mestres, os elogios não só nos envaidece, mas também nos obrigada a continuar persistindo na procura de melhorar ainda mais a “caçulinha” do JD. Abandono - Moradores de Vila Velha do Cassiporé, localizado no Par-

Malária - Nem remédio específico para malária e muito menos um comprimido de Diprona existia naquele posto de saúde. O responsável ainda tentou conseguir a medicação em Oiapoque, mas voltou de lá com as mãos vazias. Resultado: vai continuar assistindo, impotente, as dores daquele abandonado povo.

Frases do Dia “Élícitoafirmarquesãoprósperosospovoscujalegislaçãosedeveaosfilósofos.”(Aristóteles) “OqueébomparaopaísébomparaaGeneraM l otorse oqueébomparaaGeneraM l otorsébomparaopaís.” (Charles Erwin Wilson) “Nadaémaissimplesdoqueanobreza;naverdades , er simplesesernobre.”(RalphWaldoEmerson) “Asabedoriaprópriadossábiosconsisteemumaextraordináriadosedebomsenso.”(ReitorW.R.Inge)


JD

Opinião

Macapá-AP, terça-feira, 24 de janeiro de 2012

A3

Editor: Fabrício Costa - fabriciocosta@jdia.com.br

Determinismoe OsfamosostambémerramE .daí? livre-arbítrio adilson alves Colunista

RODOLFOJUAREZ Jornalista

N

o final de semana tive oportunidade de conversar com pessoas interessadas em avaliar ao longo período de crise que, na visão da maioria da população, se instalou no Estado e que, desde 2009 até agora, apesar de não ter os mesmos motivos, não se modificou e, de vez em quando, aceita novos motivos que acirrála. Sem encontrar um ponto comum para a transição política no comando do Estado entre o titular e o vice, começou a instalação da crise. Os “caciques” de então não encontraram o entendimento. Mas como o tempo não para, as definições foram sendo tomadas e o resultado, foi cada um para o seu lado, em uma manifesta irresponsabilidade política que recrudescia os erros administrativos. Depois das eleições de 2010, quando a oposição venceu o pleito, todas as farpas foram postas para fora, situação pressionada pelo histórico que deixara a Operação Mãos Limpas, deflagrada em setembro de 2010, vinte dias antes das eleições e que fora decisiva para o resultado. Já em 2011 o Governo, com necessidade de dar uma resposta forte para a população, declarou o Governo do Estado em

crise, pontuando 19 medidas que, no final do ano, não refletiram os anúncios havidos no dia 19 de janeiro. Agora, no começo de 2012, as relações institucionais parecem mais afetadas do que no final dos dois últimos anos, 2009 e 2010. Outros ingredientes compõem o cenário, mas os problemas parecem insolúveis deixando, como levantado, a clara falta que está fazendo o conceito de responsabilidade. E o que é responsabilidade? Responsabilidade pode ser conceituada com a obrigação que as pessoas têm de responder pelos próprios atos, e pressupõe que tais atos se apoiam em razões ou motivos. O termo aparece em discussões sobre determinismo e livre-arbítrio, pois muitos defendem que se não há livre-arbítrio não pode haver responsabilidade individual, visto que as ações pelas quais o individuo seria responsabilizado não foram praticadas de livre e espontânea vontade. Os motivos das ações de um indivíduo responsável devem fazer sentido e esse deve fazer conhecer suas opiniões sem causar transtorno ao resto da comunidade. Ser responsável é obrigação de qualquer cidadão para uma vida sau-

dável em sociedade. A ausência de responsabilidade é uma das pragas mais nocivas da nossa sociedade. Em vez de assumir a responsabilidade pelos seus atos, pessoas de baixo nível ou nível zero de responsabilidade procuram os culpados, indicam os possíveis culpados e, se necessário for, transferem descaradamente a responsabilidade para outros que nada tem a ver com a história. Em algumas culturas, como a asiática, por exemplo, as pessoas são orientadas desde pequenas para assumir a responsabilidade por suas ações. Em outras, como a latina, as pessoas resistirão até a morte sem a coragem necessária para assumir a responsabilidade ainda que sejam flagradas por testemunhas como se isso fosse a coisa mais normal do mundo. A situação indesejável é quando os agentes públicos não assumem as suas responsabilidades e passam a negá-la e se valer de posições para alimentar essa irresponsabilidade, provavelmente sem perceber o mal que está fazendo para uma coletividade ou para uma população. O cenário instalado no Amapá, já faz algum tempo, é o melhor exemplo para identificar o que é falta de responsabilidade.

Tráficoeclassemédia uma montanha de omisCarlosAlbertoDiFranco sões. O novo perfil da deColunista linquência é o resultado

E

ngana-se quem pensa que tráfico de drogas é exclusividade dos morros e das favelas. Operações policiais, com frequência preocupante, prendem jovens de classe média vendendo ecstasy, LSD, cocaína e maconha. Segundo a polícia, eles fazem a ligação entre traficantes e os vendedores de drogas no ambiente universitário. Crise da família, aposta na impunidade, ganho fácil e consumo garantido explicam o novo mapa do tráfico de entorpecentes. O tráfico oferece a perspectiva do ganho fácil e do consumo assegurado. E a sensação de impunidade – rico não vai para a cadeia – completa o silogismo da juventude delinquente. Não é de hoje que jovens de classe média e média alta têm frequentado o noticiário policial. Crimes, vandalismo, espancamento de prostitutas, incineração de mendigos, consumo e tráfico de drogas despertam indignação e perplexidade. O novo mapa do crime transita nos bares badalados, vive nos condomínios fechados, estuda em colégios e universidades da moda e desfibra o caráter no pântano de um consumismo sem-fim. A delinquência bemnascida mobiliza policiais, psicólogos, pais e inúmeros especialistas. O fenômeno, aparentemente surpreendente, é o reflexo de uma cachoeira de equívocos e de

acabado da crise da família e da educação permissiva. Os pais da geração transgressora, em geral, têm grande parte da culpa. Choram os desvios que cresceram no terreno fertilizado pela omissão. É comum que as pessoas se sintam atônitas quando descobrem que um filho consome drogas. Que dirá então quando vende. O que não se diz, no entanto, é que muitos lares se transformaram em pensões anônimas e vazias. Há, talvez, encontros casuais, mas não há família. O delito não é apenas o reflexo da falência da autoridade familiar. É, frequentemente, um grito de revolta. Os adolescentes, disse alguém, necessitam de pais morais, e não de pais materiais. Alguns pais não suportam ser incomodados pelas necessidades dos filhos. Educar dá trabalho. E nem todos estão dispostos a assumir as consequências da paternidade. Tentam, então, suprir o vazio afetivo com carros, mesadas e presentes. Erro mortal. A demissão do exercício da paternidade sempre acaba apresentando sua fatura. A omissão da família está se traduzindo no assustador aumento da delinquência infanto-juvenil e no comprometimento, talvez irreversível, de parcelas significativas da nova geração. Não é difícil imaginar em que ambiente afetivo terão crescido os integrantes do tráfico bemnascido. Artigos, crônicas e debates tentam explicar o fenômeno. Fala-se de tudo. Menos do óbvio: a

brutal crise que maltrata a família. É preciso ter a coragem de fazer o diagnóstico. Caso contrário, assistiremos a uma espiral de violência. É só uma questão de tempo. Psiquiatras, inúmeros, tentam encontrar explicações para os desvios comportamentais nos meandros das patologias. Podem ter razão. Mas nem sempre. Independentemente de eventuais problemas psíquicos, a grande doença dos nossos dias tem um nome menos técnico, mas mais cruel: desumanização das relações familiares. A delinquência, último estágio da fratura social, é, frequentemente, o epílogo da falência da família. Teorias politicamente corretas no campo da educação, cultivadas em escolas que fizeram a opção preferencial pela permissividade, também estão apresentando um perverso resultado. Uma legião de desajustados e de delinquentes, crescida à sombra do dogma da tolerância, está mostrando suas garras. Gastouse muito tempo no combate à vergonha e à culpa, pretendendo que as pessoas se sentissem bem consigo mesmas. O saldo é toda uma geração desorientada e vazia. A despersonalização da culpa e a certeza da impunidade têm gerado uma onda de infratores e criminosos. A formação do caráter, compatível com o clima de verdadeira liberdade, começa a ganhar contornos de solução válida. É pena que tenhamos de pagar um preço tão alto para redescobrir o óbvio: é preciso saber dizer não!

N

o UOL Educação (educacao.uol. com.br) en­­ contramos a lista de dez erros de português cometidos por celebridades no Twitter. Além de apresentá-los, o site disponibiliza uma revisão gramatical sobre cada caso. Se o leitor quiser acessar o conteúdo completo, pode ir pelo Google e digitar: “Veja 10 erros de português cometidos por celebridades no Twitter”. Nesta coluna, vou propor outra reflexão. Mas primeiro vamos dar uma “espiada” em algumas derrapagens dos famosos? Comecemos pelo top

dos tops, o atacante do Santos Neymar: “Valeu aos torcedores que COM­­ PARECEU ao hotel” (compareceram). O ator Marcelo Serrado também erra na concordância: “Opinião todos tem” (têm). Luciana Gimenez mandou um “infelismente”; Nana Gou­­vêa postou “Tú sempres houves as minhas preces”; a atriz Gio­­vana Ewbank (linda!) mandou um “sinico”. E agora a comoção geral: Willian Bonner escreveu “ía”, com acento. Iro­­nicamente, a ex-BBB Milena Fagundes corrigiu o âncora mais famoso do Brasil. Cada um dos erros tem uma explicação, digamos, científica. Em sala de aula, esses lapsos podem render bastante. O meu predileto é este de Nana Gouvêa: “Tú sempres houves”. Mas vejam só: além de esses erros aparecem em

um meio específico de comunicação (o Twitter), celebridades não são e nunca foram exemplos de escrever certo ou errado. Celebridades são acidentes, produtos de nossos julgamentos pontuais, descartados mais à frente. A próxima Playboy trará uma promessa mais picante para a nossa libido. O Santos (ou outro clube) vai revelar um menino pobre que deu a volta por cima. As celebridades não precisam se esforçar para dominar a língua. O domínio das variedades cultas do português não é conditio para elas. É para nós, mortais: para nossa ascensão social, para nossa inserção no mundo letrado. Um mundo talvez mais complexo que o mundo dessas pessoas que amamos, espiamos e descartamos no próximo verão.

Inteligênciaartificialb , urricenatural BELMIROVALVERDE Professor

N

uma escala quase que caricata, o Brasil também teve seu comandante Francesco Schetttino, na figura de Jânio Quadros, que renunciou à Presidência da República sem consultar ninguém Duas coisas assustam nesse inacreditável episódio do navio Costa Concordia: a contradição entre o verdadeiro arsenal de tecnologias altamente sofisticadas, de ultimíssima geração para comunicação, localização, integração de bancos de dados a respeito da geografia, da topografia, do clima, etc.; e a incapacidade humana de utilizar esse arsenal de maneira minimamente inteligente para evitar um desastre grotesco como foi o naufrágio do navio. Está sobrando inteligência artificial, mas também está sobrando estupidez natural, burrice congênita, para utilizá-la. A segunda é a inacreditável imprudência de permitir que apenas uma pessoa tome decisões críticas. Onde estava toda aquela bronzeada tripulação, impecável nos seus uniformes brancos, todos com altas qualificações técnicas a exsudar autoconfiança e conhecimento do que está fazendo? Será que ninguém viu a monumental burrada que estava sen-

do cometida pelo comandante e, pior ainda, ninguém tenha sido capaz de evitar que ela se transformasse em tragédia? Não se trata de um ato de imprudência isolada, e sim de um tipo de imprudência organizacional, que está cada vez mais disseminada no mundo turbocapitalista em que vivemos. Nick Leeson, um operador de bolsa de valores de pouco mais de 30 anos, quebrou o Banco Barings, o mais tradicional da Inglaterra com quase quatro séculos de existência, porque o deixaram livre, sem controles, empowered para fazer grandes burradas, o que efetivamente fez. A Merril Lynch, uma das maiores instituições financeiras norteamericanas, não foi quebrada por decisões tomadas basicamente por uma ou pouquíssimas pessoas? Shakespeare diria como na Duodécima Noite: “a estupidez é como o sol; gira em órbita e brilha em todos os lugares!”. Uma possível explicação para essas incongruências está em um livro imperdível que Silvia e Marcelo Pasquini me mandaram dos Estados Unidos onde moram, como presente no Natal: That Used to Be Us em que Thomas Friedman (O Mundo é Plano, O Lexus e a Oliveira e mais uma dezena de livros seminais) e Michael Mandelbaum analisam “como a América ficou para trás no mundo que inventou e como pode se recuperar”, que é o subtítulo do livro. Os dois autores exploram a crescente

incongruência entre os tipos de competências exigidas em um mundo integrado geográfica, tecnológica e economicamente e as maneiras pelas quais a maioria dos países e sistemas educacionais preparam seus recursos humanos para produzir, inovar e sobreviver nele. Enquanto o conhecimento a respeito das pessoas, dos mercados, dos processos e produtos tem de ser desenvolvido em todos os níveis, desde a presidência de uma empresa até o operário de produção de maneira integrada e dinâmica, os sistemas tradicionais de ensino insistem em preparar diferentemente as elites e a população mais simples. Os primeiros são preparados para “pensar” e a segunda para simplesmente “agir”, e a obedecer a sistemas crescentemente impessoais de produção. Uma pequena minoria recebe uma educação de qualidade, enquanto que a esmagadora maioria é condenada à mediocridade do ensino massificado, pouco criativo e pouco inspirador. O mundo do trabalho produtivo não se divide mais entre os funcionários de colarinho branco ou de macacão. O mundo em que vivemos integra o trabalho dos que criam, dos que apoiam a criação, os que viabilizam a produção e os que acompanham os resultados sem levar em consideração níveis hierárquicos ou diferenciais acadêmicos.

Siga o portal educação

Ministério da Saúde divulga a inclusão de duas vacinas no calendário infantil e mais notícias no Portal Educação. Veja!


JD

Geral

AL tenta conciliação entre governo e Prefeitura, mas Estado não aparece em discussão Governo não deu importância às discussões que deveriam ter encontrado um ponto de equilíbrio entre os Poderes

D

iante da briga política ferrenha entre governo do Estado e Prefeitura de Macapá, a Assembleia Legislativa tentou ontem conciliar em audiência pública ambos os Poderes. Porém, o governo não enviou nenhum representante para as discussões. Por mais de três horas, deputados estaduais, secretários do município e vereadores, discutiram as questões referentes à problemática no setor de infraestrutura do Município de Macapá, que é ocupado por cerca de 70% da população do Estado. A audiência atende uma solicitação do presidente da AL, deputado Moisés Souza (PSC). Moisés iniciou a audiência pública dizendo que é tempo de avaliar, que trabalhar para a população é uma obrigação do político e dos que ocupam cargos públicos. “A harmonia não é algo para com taxar por rótulos, ao contrário, a harmonia é um preceito constitucional que deve existir entre os poderes, mesmo que nessa harmonia haja a independência”, frisou. Ao usar a tribuna da Assembleia Legislativa, o prefeito de Macapá, Roberto Góes, informou que a principal finalidade de sua participação na audiência pública foi solicitar junto com os vereadores da capital a intervenção do Poder Legislativo Estadual, quanto ao problema que aflige Macapá. “Ao falar de Macapá, estendo a minha preocupação aos demais municípios do Estado”, comentou o

Por mais de três horas, deputados estaduais, secretários do município e vereadores, discutiram as questões referentes à problemática no setor de infraestrutura do Município de Macapá

prefeito que dispôs de sua estrutura de secretariado para explanar aos parlamentares e as autoridades presente sobre as questões do município. Roberto Goés, lembrou que em 2011, a prefeitura e a Câmara de Vereadores de Macapá, reuniram-se e elaboraram uma carta aberta denominada Cidade de Macapá, que foi encaminhada ao Governo do Estado. “Na carta entregue ao governador, estava os nossos projetos na área de infraestrutura para o município”. A carta entregue ao governador Camilo Capiberibe, na presença de deputados estaduais, lideres comunitários e evangélicos, informou ao governo sobre

o projeto de realizar o serviço de 100 quilômetros de escavação de valas para a colocação de tubos de águas do esgoto na capital do Estado. De acordo com o prefeito, em 2009 e 2010, houve avanço no projeto, o que não aconteceu no ano passado. Na última quinta-feira (19), o prefeito interditou pessoalmente todas as obras de recuperação da rede de água e esgoto do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) realizadas pelo governo do Estado, através da Companhia de Água e Esgoto do Amapá (Caesa). Roberto Góes alegou que as obras não possuem alvará, porém, coincidência ou não, a medida ado-

tada pelo prefeito ocorre um dia após o Batalhão Ambiental ter efetuado a apreensão de máquinas e carros utilizados pelo município em uma obra na rodovia Duca Serra. Moisés Souza adiantou que uma nova audiência será realizada, desta vez com a presença dos prefeitos dos 16 municípios do Estado. “Queremos acompanhar como está a arrecadação dos impostos: ISS e ICMS, além do repasse do Fundo de Participação dos Municípios (FPM). Vamos acompanhar todos os detalhes dessa relação entre o Governo do Estado e as prefeituras, com a participação das Câmaras de Vereadores”, comentou o presidente.

Dilma confirma Enem com duas edições em 2013

A

presidente Dilma Rousseff confirmou que, a partir do ano que vem, O Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) terá duas edições por ano, medida que estava prevista para ser implantada ainda este ano, mas que foi adiada pelo Ministério da Educação (MEC). O Enem tem sido alvo de muitas críticas por causa das falhas ocorridas nas últimas edições. Problemas que levaram o governo a enfrentar muitas ações na Justiça. Dilma comparou o Enem ao Programa Universidade para Todos (ProUni), que chegou à marca de 1 milhão de bolsas de estudos concedidas. Para comemorar a marca, houve uma so-

lenidade no Palácio do Planalto ontem. A presidente disse, no evento, que o ProUni também teve que passar por aprimoramentos. “O ProUni também teve que ter suas adaptações e suas melhorias. É assim que se faz política pública. Como eu faria o Ciências sem Fronteira, o ProUni e o Sisu [Sistema de Seleção Unificada] sem o Enem? Como seria o acesso democrático de todas as pessoas a essas oportunidades? Não seria”, disse a presidenta. Ela lembrou que o ProUni, quando foi lançado, em 2004, também recebeu muitas críticas. “Se você recuperar as matérias de 2004, existia uma unanimi-

dade contra o ProUni. Todos criticavam, escreviam editoriais, artigos de jornais. A academia não compreendia e os estudantes também não. Hoje, é um programa consolidado. Programas em larga escala exigem tempo de consolidação em que você vai aprimorando até o momento em que supera as dificuldades e passa para outros desafios”. Sobre a decisão do governo de cancelar a prova extra do Enem que seria aplicada em abril deste ano, o ministro da Educação, Fernando Haddad, disse que a decisão foi tomada em função das ações na Justiça contra o último exame, que teve questões

vazadas para um grupo de estudantes cearenses. Segundo o ministro, os questionamentos judiciais, em especial os do Ministério Público, não dão “tranquilidade” para que o processo seja aperfeiçoado. “Toda semana nós tivemos uma ação judicial do Ministério Público defendendo uma tese diferente da semana anterior. Nós precisamos consolidar o marco regulatório. Se a cada semana tivermos que enfrentar um debate judicial sobre o que tem de prevalecer em um exame dessa envergadura, isso vai gerar uma instabilidade inadequada. Nenhum vestibular vive a pressão que o Enem vive”, disse Haddad.

Pesca e infraestrutura são principais bandeiras de lutas do PP em Pracuuba

O

Partido Republicano (PP) sai na frente e lança candidatura própria para o cargo de prefeito do Município de Pracuúba. Eliane Duarte, Presidente da Executiva Municipal do Partido, é pré-candidata da Prefeitura. As negociações em torno de uma candidatura própria, segundo a Presidente Municipal estão bem avançadas, vários partidos já estão em negociação, como o PSC, PC do B, PSDB, e o PMDB, segundo consta não irão lançar candidaturas próprias. A candidatura de Eliane Duarte surgiu da necessidade de se construir uma nova imagem política administrativa para o município, para ela em 20 anos de criação Pracuúba pouco se de-

senvolveu e por esta razão resolveu ser candidata. Eliane Duarte é Bacharel em Direito, formada ainda em Informática Jurídica, sempre trabalhou em movimentos políticos, atuou na Fundação TROAMA, participando em campanhas em defesa dos mais carentes, atualmente coordena a organização não governamental – Ong’s Ação entre Amigos, recentemente realizou grande bingo em Macapá em ajuda dos enfermos do Hospital Geral. Em sua plataforma de trabalho visando as eleições deste ano, Eliane pretende trabalhar na recuperação e manutenção do manancial do pesqueiro, criação de viveiros para garantir a criação da pesca, criação de câmeras frigoríficas

para estocar pescado que segundo ela não existe local para armazenamento. Para Eliane Duarte a construção de um terminal pesqueiro facilitará o escoamento da produção, garantindo renda para centenas de famílias que vivem da pesca. É meta da candidata do PP incentivar obras de arruamento e asfaltamento, bem como construção de casas populares e criação de novos bairros, visando melhorar a questão urbana do município, beneficio que a candidata pretende estender as comunidades de Flexal, Porto Franco, Pernambuco, Breu, Cujubim, Agrovilas e São Miguel das Fazendas, projetos que serão financiados pela Caixa econômica Federal.

Eliane Duarte acredita que Pracuúba tem um grande potencial turístico

Eliane Duarte acredita que o Município de Pracuúba tem um grande potencial turístico e por isso pretende incentivar o setor como forma de geração de renda e trabalho para a população pracuubense.

Macapá-AP, terça-feira, 24 de janeiro de 2012

A4

Editor: Fabrício Costa - fabriciocosta@jdia.com.br

Bastidores danotícia RODOLFOJUAREZ Jornalista

Desconto gordo O prefeito Roberto Góes assinou, no final da semana passada, decreto garantindo desconto de até 50% no pagamento do Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU) e da Taxa de Alvará de Funcionamento para contribuintes que estejam com débitos referentes àqueles tributos no período de 2007 a 2011.

Já planeja para o segundo semestre, principalmente para depois das eleições municipais, o arrocho que vai evitar no primeiro semestre. Uma dos enfrentamentos que a estratégia leva em consideração é a provável retração nas compras dos países da Zona do Euro, que continua em crise.

A data do dia 11 de março Para quem fizer o pagamento do IPTU ou Alvará em cota única até 11 de março, o desconto é de 50%. Para quem quiser parcelar em quatro vezes para pagar ao longo do ano 2012, o desconto é de 30%. Para garantir o desconto, a opção do contribuinte deve ser manifestada até 11 de março.

Fazendo falta Já estão sendo sentidas as faltas que fazem os terminais de desembarque de açaí, in natura, e embarque de mercadoria pelo menos em três locais da orla molhada de Macapá e Santana: na frente da cidade de Macapá, no Igarapé da Fortaleza, limite entre os municípios de Macapá e Santana, e outro em Santana, na área portuária, por onde hoje e descarregada, pelo menos, 2/3 do açaí que vem da região das ilhas.

Susto As notícias atribuídas dadas pelo secretário de Planejamento, Orçamento e Gestão, Juliano Del Castillo, de que havia risco de atraso no pagamento dos funcionários do Estado acabou preocupando muita gente: os próprios funcionários, fornecedores e até banqueiros. Ainda bem que nada foi confirmado e tudo não passou de um susto. Desconfiados Os que estão dependo do auxilio para pagamento do aluguel social, tanto os locadores como os locatários, que é pago pelo Governo, ainda continuam desconfiados. A expressão de desconfiança não foi nem disfarçada quando foi dado a conhecer a posição da Secretária da Secretaria de Estado de Inclusão e Mobilização Social que afirmava que “na sexta-feira saia o pagamento atrasados”. Todos louvaram São Tomé: ver para crer! Oxigenação Depois da oxigenada geral que o prefeito Roberto Góes fez no primeiro escalão da Prefeitura de Macapá o governador Camilo já fala entre os seus auxiliares mais confiáveis de que vai precisar fazer o mesmo no Governo do Estado. Ele acha que já tem secretário cansado de tanto trabalho e outros que, apesar de estarem cansados, já deram o que tinha que dar. Banda larga Depois de um furor no ano passado com relação à priorização da banda larga no Amapá, os representantes do setor no Governo do Estado, e até mesmo o governador Camilo, deixaram o assunto “morgando”. Não se falou mais nisso depois que se verificou que a situação é muito mais difícil do que postar um twitter. Chegou a hora Chegou a hora dos cinco responsáveis pela eficácia na aplicação dos recursos que são oriundos das receitas públicas previstas para 2012, se dedicarem no trabalho de uma gasto eficiente. Os representantes dos três poderes (Legislativo, Executivo e Judiciário, mais o Ministério Público e o Tribunal de Constas) precisam deixar de lado as quizílias oportunistas e tratar o assunto com a necessária eficiência. Já estamos terminando o primeiro mês do ano mais “rico” de todos os tempos – R$ 3,6 bilhões. Falando nisso... A presidente Dilma Rousseff já orientou os seus ministros da área de investimentos para antecipar a execução dos projetos. Esta semana já vai reunir para definir e anunciar as metas do Governo Federal. Um exemplo para ser seguido por aqui, onde não se trata de qualquer estratégia e sim de brigas para gastar as verbas públicas. Motivação Para os técnicos do Governo Central, a antecipação dos investimentos vai possibilitar a continua da queda na taxa Selic, a maior do mundo até agora, e que precisa sair desse patamar.

Erro gritante Para quem quiser ver. Uma linha de fios, provavelmente de telefones, está diretamente atada em um dos baluartes da Fortaleza de São José de Macapá, exatamente aquele que faz “esquina” com o espaço do Banco do Brasil. Para completar o cenário e mau gosto, irresponsabilidade e falta de compreensão, está há vista uma antena, provavelmente de provedor de internet, naquele local. Um desserviço ao patrimônio. Aprovação recorde A presidente Dilma Rousseff atingiu no fim do primeiro ano de seu governo um índice de aprovação recorde, maior que o alcançado nesse estágio por todos os presidentes que a antecederam desde a volta das eleições diretas. Segundo pesquisa Datafolha, 59% dos brasileiros consideram sua gestão ótima ou boa, enquanto 33% classificam a gestão como regular e 6% como ruim ou péssima. A comparação Ao completar um ano no Planalto, Fernando Collor tinha 23% de aprovação. Itamar Franco contava 12%. Fernando Henrique Cardoso teve 41% no primeiro mandato e 16% no segundo. Lula alcançou 42% e 50%, respectivamente. O Instituto Datafolha ouviu 2.575 pessoas nos dias 18 e 19 de janeiro. A margem de erro do levantamento é de dois pontos percentuais, para mais ou para menos. Análise de projetos em risco Dispostos a dividir os trabalhos no Congresso com as atividades das eleições municipais, deputados e senadores põem em risco a análise de projetos considerados prioritários pelo Planalto. Além disso, serão menos de cinco meses para votações polêmicas, já que tradicionalmente em junho é adotado o chamado “recesso branco”, com sessões dedicadas principalmente a discursos e análise de matérias de consenso. Dias úteis O Congresso terá 89 “dias úteis” neste ano, admitindose que sejam feitas sessões de terça a quinta toda semana entre fevereiro e o início do recesso de julho e, depois, em novembro e dezembro. Pela mesma conta, foram 134 “dias úteis” no ano passado, mas com apenas 107 dias de votação. Depende da união dos partidos Mesmo com o calendário apertado, líderes da base aliada à presidente Dilma Rousseff garantem que é possível realizar todas as votações. O deputado Cândido Vaccarezza (PT-SP), líder do governo na Câmara, diz acreditar na união dos partidos para a votação dos temas polêmicos no primeiro semestre. O maior empecilho, no entanto, é o fato de o governo ter projetos considerados essenciais em áreas diversas.


JD

PROCLAMAS DE CASAMENTO

Bel ª Maria Cristiane da Silva Passos, oficial do 2º Registro Civil das Pessoas Naturais Do Distrito e Município de Macapá-Estado do Amapá; FAZ SABER que se pretendem casar: BRUNO RICARDO PEREIRA SANTOS e GABRIELA DE SOUZA MARTINS Ele, filho de Paulo Roberto Pereira dos Santos e Socorro de Fátima Marques Pereira. Ela, filha de Elson dos Santos Martins e Thereza Christina Balieiro de Souza. Se alguém souber de algum impedimento, oponha-se na forma da lei. Lavro o presente para se afixado em Cartório e publicado na Imprensa Local. Macapá-AP, 18 de Janeiro de 2012 Milene Fôro de Almeida Escrevente Autorizada

PROCLAMAS DE CASAMENTO

Bel ª Maria Cristiane da Silva Passos, oficial do 2º Registro Civil das Pessoas Naturais Do Distrito e Município de Macapá-Estado do Amapá; FAZ SABER que se pretendem casar: RAPHAEL VICTOR SILVA DO NASCIMENTO e ALESSANDRA DA COSTA ZANINI Ele, filho de Wellington Temístocles da Silva e Maria do Socorro Silva Nascimento da Silva. Ela, filha de Germano José Zanini e Eliete Barbosa da Costa. Se alguém souber de algum impedimento, oponha-se na forma da lei. Lavro o presente para se afixado em Cartório e publicado na Imprensa Local. Macapá-AP, 13 de Janeiro de 2012 Milene Fôro de Almeida Escrevente Autorizada

Editais

Macapá-AP, terça-feira, 24 de janeiro de 2012

A5


Economia

JD

Macapá-AP, terça-feira, 24 de janeiro de 2012

A6

Editor: Pablo Oliveira - pc.oliveira@jdia.com.br

Pagar IPTU e IPVA à vista pode ser boa opção para quem tem dinheiro disponível Para os contribuintes que não têm dinheiro aplicado, nem o valor suficiente para pagar os impostos à vista, a opção é recorrer ao parcelamento oferecido pelos governos estaduais e municipais

O

pagamento à vista dos imposto sobre a Propriedade Predial e Territorial Urbana (IPTU) e sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) para quem tem aplicação financeira é uma boa opção, se o desconto oferecido pelos governos municipais e estaduais for maior que a remuneração paga pelo dinheiro aplicado. A afirmação foi feita pelo vice-presidente da Associação Nacional dos Executivos de Finanças, Administração e Contabilidade (Anefac), Miguel de Oliveira. Oliveira lembra que geralmente os governos oferecem desconto de 3% no IPVA e de 1,6% a 1,8% no IPTU, enquanto fundos de renda fixa pagam, em ge-

ral, cerca de 0,8% ao mês e a poupança, 0,65% ao mês. “Vale a pena resgatar a aplicação para pagar o imposto, quando o desconto é maior que os juros da aplicação”, afirmou. Para os contribuintes que não têm dinheiro aplicado, nem o valor suficiente para pagar os impostos à vista, a opção é recorrer ao parcelamento oferecido pelos governos estaduais e municipais. “Qualquer tipo de imposto tem juros embutidos, tanto que é oferecido desconto para o pagamento à vista. Mas esses juros embutidos são menores do que os do cheque especial ou de outros empréstimos bancários”, destacou. Por isso, não vale a pena pegar empréstimos para pagar os

impostos à vista, disse Oliveira. Aos que não têm dinheiro nem mesmo para o pagamento parcelado, Oliveira recomenda recorrer a linhas de crédito especiais para quitação de impostos ou ao crédito consignado, que costuma ter taxa de juros mais baixa do que outras modalidades de empréstimo. “Essas linhas são uma alternativa, porque têm juros de 3% a 3,5% ao mês e o empréstimo pode ser pago em 12 meses”, disse. De acordo com Oliveira, o contribuinte não deve deixar de pagar os impostos. “O que não pode é deixar de pagar, porque isso gera multas e restrições”, aconselhou.

DIVULGAÇÃO

Oliveira lembra que geralmente os governos oferecem desconto de 3% no IPVA e de 1,6% a 1,8% no IPTU

Balança comercial registra terceira semana consecutiva de déficit no ano

A

balança comercial brasileira registrou déficit de US$ 579 milhões na terceira semana de janeiro. O saldo negativo é resultado das exportações de US$ 3,206 bilhões e importações de US$ 3,785 bilhões. A média diária de embarques externos foi de US$ 641,2 milhões. Nas compras internas, a média diária registrada foi de US$ 757 milhões. A balança comercial vem registrando déficit desde a primeira semana do mês.

Os dados foram divulgados ontem (23) pelo Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior. No acumulado do ano, a balança comercial aponta resultado negativo de US$ 1,273 bilhão. No período de três semanas, as vendas externas somaram US$ 10,540 bilhões, enquanto as importações ficaram em US$ 11,813 bilhões. Nas exportações, a média diária verificada na terceira semana de janeiro ficou 12,6% inferior que a média

de US$ 733,4 milhões registrada na semana anterior. A queda é atribuída ao decréscimo dos embarques externos de produtos básicos (-21,1%), como minério de ferro, petróleo em bruto, carne de frango, soja em grão e farelo de soja. A soma registrada caiu de US$ 309,8 milhões para US$ 244,5 milhões. As vendas externas dos manufaturados também apresentaram queda (7,8%), saindo de US$ 296,1 milhões para US$ 272,9 milhões. A alteração nega-

tiva foi motivada pela redução de exportações de automóveis de passageiros, óleos combustíveis, polímeros plásticos, máquinas e aparelhos para terraplanagem, óxidos e hidróxidos de alumínio e energia elétrica. Em contrapartida, as exportações de bens semimanufaturados registraram acréscimo de 5,2%. A quantia verificada foi US$ 109,8 milhões na terceira semana de janeiro frente os US$ 104,4 milhões da semana passada. O au-

mento foi motivado pelo incremento nas vendas de produtos semimanufaturados de ferro ou aço, celulose, alumínio em bruto, couros e peles e ferro fundido. Nas exportações, comparadas as médias até a terceira semana de janeiro deste ano (US$ 702,7 milhões) com as de janeiro de 2011 (US$ 724,5 milhões), houve redução de 3%. Nas importações, verificou-se redução de 5,7% na terceira semana do mês em relação à anterior. A

queda é explicada, principalmente, “pelo declínio nos gastos com combustíveis e lubrificantes, equipamentos elétricos/eletrônicos, veículos automóveis e partes, químicos orgânicos e inorgânicos e adubos e fertilizantes”, conforme nota divulgada pelo MDIC. Nas compras internas, a média diária até a terceira semana de janeiro de 2012 (US$ 787,5 milhões) ficou 11,6% acima da média verificada no mesmo período do ano passado (US$ 705,5 milhões).

Carnes sobem com menos intensidade e provocam Brasil tem 58 milhões de queda no ritmo de inflação semanal medido pela FGV acessos à banda larga

DIVULGAÇÃO

DIVULGAÇÃO

O As carnes que foram reajustadas, na média, em 0,29%, índice bem abaixo da taxa anterior que havia sido de 2,08%

O

Índice de Preços ao Consumidor Semanal (IPC-S), medido pelo Instituto Brasileiro de Economia (Ibre) da Fundação Getulio Vargas (FGV), atingiu 0,93%, na terceira prévia de janeiro ante uma alta de 0,97%, na prévia anterior. Esse decréscimo de 0,04 ponto percentual foi influenciado, principalmente, pelo recuo no ritmo de aumento no grupo alimentação que passou de 1,76% para 1,36% com destaque para as carnes que foram

reajustadas, na média, em 0,29%, índice bem abaixo da taxa anterior que havia sido de 2,08%. Além dos itens alimentícios, caiu a intensidade de correções no grupo saúde e cuidados pessoais (de 0,56% para 0,43%), decorrente dos artigos de higiene e cuidado pessoal (de 0,92% para 0,41%), e foi registrada queda no grupo vestuário (de 0,28% para 0,12%). Nos demais grupos ocorreram avanços. A maior alta

foi constatada em educação, leitura e recreação (de 2,37% para 3,39%) ainda sob o impacto do aumento nos cursos formais (de 3,8% para 5,56%). No grupo habitação, o índice subiu de 0,28% para 0,32% puxado pelo aumento de 1,05% ante 0,72% na tarifa de telefone fixo. Em despesas diversas, o IPC-S saltou de 0,2% para 0,3% com destaque para a correção de preço da ração animal (de 0,76% para 1,72%). No grupo transpor-

tes, a taxa atingiu 0,77% ante 0,72% como efeito da tarifa de ônibus urbano, com alta de 1,77% ante 1,19%. Os cinco itens que mais ajudaram a causar impacto inflacionário foram: tomate (de 18,85% para 19,73%); curso de ensino superior (de 2,76% para 4,41%); tarifa de ônibus urbano (de 1,19% para 1,77%); curso de ensino fundamental (de 4,46% para 6,35%) e curso de ensino médio (de 4,77% para 6,58%).

Brasil alcançou em 2011 a marca de 58 milhões de acessos à banda larga fixa e móvel, o que representa um aumento de quase 70% em relação a 2010. De acordo com levantamento da Associação Brasileira de Telecomunicações (Telebrasil), divulgado esta semana, apenas no ano passado foram ativados 23,4 milhões de novos acessos. Segundo a Telebrasil, o número de acessos à banda larga móvel quase dobrou, passando de 20,6 milhões em 2010 para 41,1 milhões no ano passado e chegando a 2.650 municípios onde residem 83% da população brasileira. A banda larga fixa teve crescimento de 20,6%, com 2,8 milhões de novos acessos e chegando a 16,7 milhões no final do ano. Do número total de acessos à banda larga móvel,

7,9 milhões são por modems de acesso à internet e 33,2 milhões por telefones celulares de terceira geração (3G), incluindo os smartphones (telefones com funções de computador), cujo crescimento atingiu 128% em um 2011. O número de modems cresceu 31%. A associação informou que a expansão da banda larga móvel em 2011 foi feita numa velocidade média de 3,7 municípios por dia, levando a rede 3G a mais 1.363 cidades, que se somam às 1.287 que já tinham o serviço no fim de 2010. Com relação à competição entre prestadoras dos serviços, que tende a melhorar a qualidade do que é oferecido ao cliente, o levantamento mostra que 54% da população vive em cidades onde há pelo menos três operadoras de banda larga móvel.

Consumidor que exige nota fiscal tem desconto em impostos e pode até receber dinheiro

O

início do ano traz sempre a mesma preocupação para os contribuintes que têm imóveis e carros: o pagamento dos impostos Predial e Territorial Urbano (IPTU) e sobre Propriedade de Veículos Automotores (IPVA). Mas há algumas iniciativas que reduzem o valor a pagar. É o caso de pagamentos à vista em que é oferecido desconto e de programas em que o contribuinte que exige nota fiscal na

hora das compras vai acumulando valores para descontar na hora de quitar os impostos. Em São Paulo, Rondônia e Minas Gerais, existe chance até de ganhar prêmios em dinheiro, por meio de sorteio de cupons dados aos que não deixam de pedir a nota fiscal. A estratégia é boa tanto para os consumidores quanto para os governos estaduais, que elevam a arrecadação de impostos

com esses programas, afirma o vice-presidente da Associação Nacional dos Executivos de Finanças, Administração e Contabilidade (Anefac), Miguel de Oliveira. “O governo sabe que o maior fiscal é o consumidor.” O coordenador do programa Nota Fiscal Paulista, Valdir Saviolli, diz, porém, que esse tipo de estratégia contribui para fiscalização do governo apenas de foram indireta, por “gerar informações

sobre o comércio varejista”. Para Saviolli, o programa Nota Fiscal é uma forma de estimular a cidadania fiscal, que também ajuda a aumentar a arrecadação do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS). De acordo com Saviolli, no período de 2008, 2009 e 2010, a arrecação média de ICMS em São Paulo cresceu 23%, na comparação com os três anos anteriores. Por mês, cerca de 200 mil contribuientes

são integrados ao sistema, informou Saviolli. No total, mais de 12 milhões de contribuintes estão cadastrados no programa Nota Fiscal Paulista. O programa devolve aos consumidores até 30% do ICMS recolhido pelos estabelecimentos. Os créditos podem ser usados para reduzir o valor do IPVA ou ser depositados em conta corrente ou poupança. Para ter acesso ao programa, o consumidor deve exigir nota fiscal,

com seu número de CPF ou CNPJ no momento da compra. Após o recolhimento do ICMS pelo fornecedor, é creditada automaticamente a parcela do imposto proporcional ao valor da compra para cada cliente. No site do programa, é possível consultar as notas fiscais registradas e os créditos. Além disso, os consumidores paulistas pode participar de sorteios mensais de prêmios em dinheiro.


JD

Geral

Macapá-AP, terça-feira, 24 de janeiro de 2012

Editor: Pablo Oliveira - pc.oliveira@jdia.com.br

Governo cria secretaria para consolidar diálogo com o funcionalismo público Segundo o secretário-executivo adjunto do Ministério do Planejamento, Valter Correia, as novas secretarias foram reestruturadas para agilizar a conclusão dos processos DIVULGAÇÃO

A divisão vai administrar o direcionamento da força de trabalho, a capacitação de pessoal, os concursos públicos e a folha de pagamento

C

om o intuito de consolidar o relacionamento e o diálogo com o funcionalismo público, o governo federal criou a secretaria de Relações de Trabalho no Serviço Público (SRT). A repartição substitui a atual Secretaria de Recursos Humanos. Com a mudança, a nova unidade vai ser responsável por negociar reajustes salariais,

condições de trabalho e reestruturação das carreiras. Para atender a nova estrutura, também foi criada a Secretaria de Gestão Pública (Segep) que substitui a Secretaria de Gestão (Seges), que foi extinta. A divisão vai administrar o direcionamento da força de trabalho, a reestruturação organizacional, a capacitação de pessoal, os concur-

sos públicos e a folha de pagamento. Ambas fazem parte do Ministério do Planejamento. As mudanças foram publicadas no Diário Oficial da União de ontem (23). Segundo o secretárioexecutivo adjunto do Ministério do Planejamento, Valter Correia, as novas secretarias foram reestruturadas para agilizar a conclusão dos processos. “Com

Anvisa publica novos critérios para registro de agrotóxicos

O

s estudos sobre resíduos de agrotóxicos em alimentos, elaborados pelas empresas para registrar esse tipo de produto no Brasil, terão que seguir metodologias semelhantes às adotadas internacionalmente. A norma está fixada em resolução da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) publicada ontem (23) no Diário Oficial da União. A norma fixa todas as condições técnicas a serem observadas pelas empresas na condução dos estudos de resíduos de agrotóxicos em alimentos, tais como: critérios para preservação de amostras, apresentação de estudo de estabilidade de agrotóxico na cultura e curva de dissipação.

Com esse regulamento, a Anvisa espera garantir mais segurança na condução das análises de resíduos de agrotóxicos em alimentos. De acordo com o diretor da agência, Agenor Álvares, os estudos de resíduos elaborados em condições insatisfatórias ou inadequadas aumentam o custo e o tempo de análise dos produtos. O novo regulamento é uma atualização da Resolução RDC 216/ 2006 da Agência. Com essa norma, os estudos de resíduos de agrotóxicos em alimentos passam a seguir as recomendações metodológicas do Codex Alimentarius, programa da Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação

(FAO) e da Organização Mundial de Saúde (OMS). No Brasil, o registro de agrotóxicos é feito pelo Ministério da Agricultura, órgão que analisa a eficácia agronômica desses produtos. Porém, a anuência da Anvisa e do Ibama é requisito obrigatório para que o agrotóxico seja registrado. A Anvisa faz a avaliação toxicológica dos produtos quanto ao impacto na saúde da população e estabelece os limites máximos de resíduos em alimento, bem como, o intervalo de segurança que deve ser observado entre a última aplicação do agrotóxico e a colheita. Já o Ibama observa os riscos que essas substâncias oferecem ao meio ambiente.

A7

isso vamos otimizar, racionalizar e dar maior celeridade às decisões e aos encaminhamentos administrativos. Agora conseguimos ter visão completa do processo. Antes os processos eram segmentados”, disse em entrevista. O novo modelo tem funcionado de forma “informal” há quatro meses. “Co-

meçamos de forma informal para fazer os ajustes necessários. Não é só juntar as caixinhas, não juntamos uma secretaria com a outra. Repensamos todo o processo. Redefinimos toda a estrutura e a forma de trabalhar. Juntamos o processo inteiro dentro de um departamento novo”, explicou. Correia ainda destacou que as alterações vão suprir uma necessidade antiga de responsabilidades processuais. “A gente vai conseguir resolver um problema histórico na Esplanada [dos Ministérios] para saber quem cuida de que área. Sempre houve essa confusão de competência entre essas duas áreas”, comentou. A SRT foi idealizada pelo secretário de Recursos Humanos, Duvanier Paiva, que faleceu no último dia 19, vítima de infarto. O substituto ainda não foi escolhido pela ministra da pasta, Miriam Belchior. Em entrevista, Paiva comentou que a mudança era uma necessidade antiga para atender à redemocratização nas relações de trabalho. A nova estrutura objetiva intermediar os debates com as centrais sindicais para evitar que o conflito chegue no limite da greve.

INSS faz mutirão para inscrever famílias de baixa renda na Previdência Social

O

Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) iniciou ontem (23) um mutirão na Baixada Fluminense, para atrair famílias de baixa renda para a Previdência Social. Segundo o gerente do INSS na região, Flavio Souza, a ideia é chegar a pessoas com renda de até dois salários mínimos que não tenham vínculos empregatícios e, portanto, ainda não contribuam com a Previdência Social. Segundo Souza, famílias com renda de até dois salários mínimos podem pagar mensalmente um valor de 5% do salário mínimo, a fim de que tenham direito a uma aposentadoria de um salário mínimo e a benefícios, como o auxílio-doença. Entre as pessoas que podem se beneficiar desse regime previdenciário estão as donas de casa. O requisito para se inscrever no INSS é estar registrado no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico). O registro no CadÚnico é normalmente feito pelas secretarias municipais de Assistência Social. No mutirão desta semana, no entanto, os beneficiários poderão se inscrever no CadÚnico e no INSS ao mesmo tempo. Hoje (23), os moradores de Nova Iguaçu poderão procurar o INSS na Praça Rui Barbosa.

Antes de reunião ministerial, Dilma conversa sobre segurança nacional com ministros

A

ntes da primeira reunião ministerial do ano, marcada para as 17 horas de ontem (23), no Palácio do Planalto, a presidenta Dilma Rousseff coordena mais uma conversa setorial. Em discussão a segurança pública, a defesa nacional e de fronteiras. Participam da discussão o vice-presidente Michel Temer e os ministros Celso Amorim (Defesa), Gleisi Hoffmann (Casa Civil) e Gilberto Carvalho (Secretaria-Geral da Presidência). Há quatro dias, Dilma faz reuniões preparatórias com os ministros. Desde o dia 19, a presidenta conversa separadamente com pequenos grupos. De acordo com assessores, ela decidiu que dessa forma é

possível discutir de forma aprofundada os temas que serão tratados com toda a equipe ministerial logo mais na reunião do final da tarde. As reuniões setoriais se estenderam, inclusive, ao longo do fim de semana, com encontros no Palácio da Alvorada (residência oficial). Nas várias reuniões que manteve, a presidenta conversou com os ministros sobre a crise econômica internacional, programas sociais e os eventos internacionais que serão sediados no Brasil – Conferência Rio+20, Copa do Mundo de 2014 e Olimpíadas de 2016. Para a reunião ministerial das 17 horas, a presidente convocou os 38 ministros. Segundo assessores, ela

ProUni: resultado está disponível e matrícula começou ontem

O

resultado da primeira chamada do Programa Universidade para Todos (ProUni) está disponível na página do programa na internet. Os candidatos pré-selecionados têm prazo de ontem (23) a 1º de fevereiro para comparecer às instituições de ensino na qual foram aprovados para confirmar as informações declaradas na inscrição e fazer a matrícula. Depois desse prazo, caso ainda haja bolsas disponíveis, será feita a segunda chamada de candidatos, prevista para 7 de fevereiro, com prazo para comprovação da documentação até 15 de fevereiro. Ao fim das duas chamadas, os candidatos que não foram pré-selecionados ou os que foram préselecionados em cursos sem formação de turma poderão manifestar interesse em fazer parte da lista de espera, que será usada pelas instituições participantes do programa para a ocupação das bol-

sas eventualmente ainda disponíveis. O período para que os interessados se manifestem irá de 22 a 24 de fevereiro. Ao fim desse prazo, serão feitas duas convocações dos integrantes. A primeira, a partir de 27 de fevereiro, com prazo para comprovação de documentos e matrícula de 28 do mesmo mês até 2 de março. A segunda, em 9 de março, com prazo de 12 a 15 de março. Neste processo seletivo são ofer-

pretende colocar em pauta as prioridades do governo para 2012, como o esforço para estimular a economia, a ampliação de metas dos programas sociais, obras de infraestrutura e os eventos internacionais relacionados com o país. Essa será a primeira reunião ministerial de 2012 e segunda do governo da presidenta Dilma . É ainda a última com a participação do ministro da Educação, Fernando Haddad, que deixa o cargo amanhã (24) para se dedicar ao projeto de candidatura à prefeitura de São Paulo. Haddad será substituído pelo atual ministro da Ciência e Tecnologia, Aloizio Mercadante. No lugar de Mercadante, assumirá Marco Antonio Raupp. tadas 195.030 bolsas – 98.728 integrais e 96.302 parciais, de 50% da mensalidade – em 1.321 instituições de ensino superior particulares, entre universidades, centros universitários e faculdades. Ao final de seis dias de inscrições, o programa registrou 1.208.398 candidatos. O número supera o de inscritos em 2011 1.048.631, até então a maior marca. Cada estudante teve o direito de fazer duas opções de cursos. Dessa forma, o número de inscrições chegou a 2.323.546. Criado em 2005, o ProUni já concedeu 919 mil bolsas de estudos em cursos de graduação e sequenciais de formação específica.


Diversão&Cultura JD Em meio a No segundo paredão do Horóscopo temporal, Kutcher “BBB12”, Jakeline acha que Ashton “surfa” nas ruas de São Paulo está sendo perseguida

Macapá-AP, terça-feira, 24 de janeiro de 2012

A8

Editor: Pablo Oliveira - pc.oliveira@jdia.com.br

DIVULGAÇÃO

Para o líder João Mauricio, que indicou a mineira Renata para o paredão, Jake parece uma menina de 13 anos, mas tem o coração bom

D

epois de ser indicada pela segunda vez ao paredão do “BBB12”, também por seis votos, como na primeira semana, a baiana Jakeline, 22, comentou com Fabiana que sua situação na casa vai piorar, caso volte da berlinda. “Você sabe que eu voltando a tendência é piorar mais ainda. Eles vão encarnar em mim. Eles vão votar em mim até não aguentar mais. Eu vou para o paredão eternamente. Já virou marcação”, reclamou a baiana. Para o líder João Mauricio, que indicou a mineira Renata para o paredão, Jake parece uma menina de 13 anos, mas tem o coração bom. “Eu não ia indicar ela porque ela é uma menina que, mesmo tendo os defeitinhos dela, é de coração bom, bacaninha. As coisas que ela faz de errado são muito mais em função dela ser menina do que de quem está jogando. Ela parece que tem 13, 14 anos”, disse em conversa com Laisa, Yuri e Fael. Já no quarto com Mayara e Fabiana, o representante de Goiânia voltou a falar do comportamento da estudante. Em tom de brincadeira, ele comentou que o namorado de Jake deve estar aliviado com a participação da baiana no reality, por ter se livrado dela

DIVULGAÇÃO

A

shton Kutcher, 33, parece não estar se importando muito com o mau tempo que está pegando no Brasil. O ator americano chegou à cidade ontem para participar da São Paulo Fashion Week. Na tarde de ontem (23), ele estava na rua quando um temporal atingiu a cidade. Em vez de se estressar com o alagamento que se formou, o ator desceu do carro e começou a, nas palavras dele, “surfar”. O astro da atual temporada de “Two and a Half Men” publicou uma foto da brincadeira no Twitter.

Rede TV! é campeã de merchandising testemunhal

U Jakeline acha que está sendo perseguida

temporariamente. “Acho que o namorado dela deve ter dado graças a Deus dela ter vindo para cá”, disse.

Já Mayara acha que Jake precisa de uma terapia. “Deve ser problema de sentimentos reprimidos”, comentou.

m levantamento do Controle da Concorrência mostra que a Rede TV! é a campeã do merchandising testemunhal, em que os apresentadores (ou o próprio cliente) vendem o produto durante o programa. Só nos primeiros 15 dias deste ano, foram cem ações promocionais em apenas três programas: “A Tarde É Sua” (o campeão do merchand, com 51 ações), “Manhã Maior” e “TV Fama”.

Áries (21 mar. a 20 abr.) A novidade de hoje é lunação em Aquário, ótima pra você engatar novas amizades nos próximos dias e fazer planos que tornem sua vida mais divertida, empolgante e diferente do comum. Reforce contatos, planeje-se, socialize.

Touro (21 abr. a 20 mai.) Encontro mensal do Sol com a Lua em Aquário ocorre hoje, dando a você a chance de renovar sua imagem publica, de forma mais positiva, aberta e arejada. Mantenha-se antenado com os temas que movimentam as coletividades, é um bom começo. Gêmeos (21 mai. a 20 jun.) Para você, começa hoje uma fase prospera para cultivar a espiritualidade, os estudos abrangentes e as reflexões filosóficas. Viagens para fora do país podem ser um tema atraente também. Leia, estude, informe-se, alargue seu circulo. Câncer (21 jun. a 21 jul.) Um período de acomodação, em que você tem de sair de sua zona de conforto para se movimentar no reino das abstrações, do futuro, dos interesses impessoais. Abordagens objetivas podem ser difíceis para você, mas serão essenciais. Leão (22 jul. a 22 ago.) É no setor astral de relacionamentos que ocorre hoje a lunação em Aquário. Um dia em que o amor pode ser o tema de destaque, mas também qualquer parceria de longa duração. É para você se definir melhor com os outros, também. Virgem (23 ago. a 22 set.) Uma vez por mês ocorre a Lua nova - o momento em que Sol e Lua se encontram, inaugurando um mês lunar novo. Neste, a energia de renovação e experimentalismo dá o tom e marca seu cotidiano para os próximos dias.

Libra (23 set. a 22 out.) Impulsividade que pode confundir, necessário se afastar pra entrar em conexão consigo. E ai, sim, todo o poder criativo da lunação de hoje se faz presente. Amor, filhos, projetos criativos, competições, tudo se torna motivo de alegria e orgulho. Escorpião (23 out. a 21 nov.) Uma nova etapa começa na cena domestica com a Lua nova em Aquário. Momento de profunda introspecção. Trata-se de resgatar sonhos do passado, de reunir pessoas diferentes entre si, com um mesmo pensamento de irmandade. Sagitário (22 nov. a 21 dez.) Alimentação, saúde, escolhas cotidianas, poder de expressão e visão de futuro são os temas em pauta daqui em diante com a lunação em Aquário, que ocorre hoje. Importância de um irmão, de amigos antigos, dos estudos. Reconhecimento. Capricórnio (22 dez. a 20 jan.) Quando todo mundo diz que você sabe ver no presente o que vai dar certo financeiramente no futuro é verdade. E um destes momentos especiais tem tudo para ocorrer nos próximos dias com a Lua nova em Aquário, grande presente para você. Aquário (21 jan. a 19 fev.) Distraído, desligado, ausente de alguma forma - é que você está se conectando com vibrações muito sutis, que se reúnem em você mesmo.. E daí, emerge a força curativa, a vitalidade. Aproveite esta Lua nova para começar algo novo para você! Peixes (20 fev. a 20 mar.) Um período para se afastar e meditar, para voar livre pela imaginação e sem amarras de nenhum tipo. Visão ideal? Mas você pode deslizar para um canto e não ser notado, para poder ser livre, comum, sem dramas ou cobranças.


JD

DiaDia

Macapá-AP, terça-feira, 24 de janeiro de 2012

B1

Editor: Fabrício Costa - fabriciocosta@jdia.com.br

Poluição sonora gera interdição de casa noturna na orla de Macapá Bar que funcionava na orla da cidade foi interditado após decisão judicial que abre precedentes também para a proibição de micaretas

O

juiz Diego Moura de Araujo, da 3ª Vara Cível e de Fazenda Pública, proibiu o Bar Bahamas Executive Clube de continuar com festas na orla da cidade. A decisão dada no último dia 12, foi em resposta de uma ação civil pública que teve como autor o Ministério Público Estadual. Na decisão, o magistrado suspendeu toda e qualquer atividade empresarial da empresa até que ocorra o licenciamento ambiental e o isolamento acústico da casa. Segundo o documento, desde o dia 9 de agosto do ano passado foram instaurados procedimentos administrativos pela promotoria especializada da capital para averiguação de denúncias de poluição so-

DIVULGAÇÃO

Bar Bahamas interditado na orla da cidade. Precedente para proibição de micareta no carnaval

nora e uso irregular de espaços públicos em razão de atividade desenvolvida pela casa noturna. Várias reclamações nesse período foram feitas,

sendo que numa delas, ocorrida no dia 5 de setembro do ano passado, chegaram a ser apreendidas pelo comando do Batalhão Ambiental equipamentos

de som, atestando ainda que haveria perturbação à tranqüilidade pública e aos moradores vizinhos. “Os fatos ocorridos nesses casos seriam um crime ambien-

Ponte binacional volta a ficar sem data para inauguração

N

a última quinta-feira (19), o governo do Estado assinou convênio com o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit) assumindo a construção do acesso à ponte binacional, que interligará o Brasil à Guiana Francesa. Pelo acordo, o Dnit entrará com os recursos financeiros e o Governo do Amapá, através da Secretaria de Estado dos Transportes (Setrap), fará a execução direta das obras, que consistem na implantação e pavimentação no acesso à ponte binacional BrasilGuiana Francesa, bem como a construção do pátio para a aduana brasileira. Conforme o cronograma, as obras iniciam em fevereiro, com um repasse de R$ 4 milhões, e serão concluídas em junho, quando então o governo federal fará o último repasse no valor de R$ 3.324.357,27. “A ponte ainda não tem data de inauguração, mas a nossa parte estará concluída em junho”, disse o governador Camilo Capiberibe. Articulação A assinatura do convê-

DIVULGAÇÃO

Micareta na lista Assim como a decisão envolvendo o Bar Bahamas deixou clara a poluição sonora na orla de Macapá, a micareta que se avizinha por conta da quadra carnavalesca também poderá sofrer interdição, uma vez que a barulheira e os inconvenientes gerados pelos brincantes são constantes pautas de reclamações entre os moradores. Esta semana, um grupo de moradores promete entrar com uma ação solicitando a proibição da micareta por conta dos excessos gerados durante as noites do evento.

Entre umgole eoutro Limpeza da cidade Equipe responsável pela limpeza da cidade entrou em contato com a redação e denunciou que a Secretaria de Manutenção Urbanística de Macapá, não esta disponibilizando combustível para as roçadeiras com isso os mesmos estão realizando a capina no “cabo da enchada”.

Governo assume a construção do acesso à ponte binacional

nio que ocorreu na quinta-feira é fruto de um encontro que Camilo Capiberibe teve, em novembro do ano passado, com o diretor-geral do Dnit, Jorge Ernesto Pinto Fraxe, onde trataram, entre outros assuntos, do acesso à ponte binacional na BR-156, em Oiapoque, do trecho Sul da BR-156 e da duplicação da BR-210. Na ocasião, o governa-

dor relatou que as obras no trecho Norte da BR156 estão em pleno andamento, com homens e máquinas trabalhando nos três trechos. Também ficou decidido que para o trecho Sul, que liga Laranjal do Jari a Macapá, deverá ser licitado e elaborado o projeto executivo para os 230 quilômetros da estrada. Esse trecho deverá ser licitado durante o inverno,

para execução tão logo inicie o próximo verão. Nesse encontro estiveram presentes os secretários de Transportes, Sérgio La-Rocque; o de Planejamento, Orçamento e Tesouro, Juliano Del Castilo; a secretária Extraordinária do Governo do Amapá em Brasília, Divanaide Ribeiro; o deputado Sebastião Bala Rocha; e o senador Randolfe Rodrigues. HEVERTON MENDES

ANDERSONCALANDRINI tão aguardando a resDa Redação posta” explicou Oseas

H

Sossego O juiz Diego de Araújo destacou o artigo 1.277 do Código Civil onde diz: “o proprietário possuidor de um prédio tem direito de fazer cessar as interferências prejudiciais à segurança, ao sossego e à saúde dos que lá habitam, provocadas pela utilização de propriedade vizinha”, diz parte do artigo. Segundo ele, quando se trata de crime am-

biental, mais precisamente de poluição sonora emitida acima do tolerado, fica caracterizada infração ambiental.

TULIOPANTOJA Sociólogo

Famílias aguardam por área prometida pela Prefeitura á dez dias cerca de 60 famílias estão aguardando o aval da Prefeitura de Macapá, para iniciar uma ocupação de um terreno no Bairro Açaí. Segundo os prováveis moradores, tudo está ocorrendo por conta de um acordo feito com o prefeito Roberto Góes, que havia afirmado que iria liberar a área para os populares, mas para que isso fosse cumprido, as famílias não deveriam invadir o local. Porém a liberação está demorando e as famílias, que já não tem para onde ir, estão fazendo pequenos acampamentos ao redor da área, esperando a liberação. “Nós estamos só aguardando o aval da prefeitura, para começar a ocupação da área, mas enquanto isso não ocorre, as pessoas que já estão sem casa, já construíram pequenos barracos ao redor, e es-

tal, podendo ser poluição sonora ser considerada crime ou até mesmo, contravenção e que haveria responsabilidade objetiva do estabelecimento ora citado, além do Município de Macapá, por não ter exigido licenciamento ambiental adequado”, diz parte da sentença.

Mourão, representantes das 60 famílias. De acordo com os sem teto, já houve dois encontros marcados com o prefeito, mas eles ainda não conseguiram falar com o mesmo. “Já enviamos um grupo de representação das famílias, mas nada foi repassado pela prefeitura, e enquanto isso não ocorrer estaremos procurando o prefeito Roberto Góes, e se a equipe do executivo municipal pensa que vai nos vencer pelo cansaço, está enganada, pois nós só iremos desmontar nosso acampamento, para começar a ocupar o local”, contou Jaziel Pereira, que está acampando há dez dias no bairro. A Área Segundo as famílias o local pertence à Prefeitura, e de acordo com as mesmas nenhuma obra foi realizada lá nos últimos 10 anos. “Foi por

Famílias aguardam o aval da PMM para iniciar ocupação no bairro Açaí

isso que procuramos o Prefeito, para pedir o local, e assim construir nossas casas, já que atualmente o mesmo só serve como criadouro do mosquito da dengue, e para drogados e assaltantes realizarem seus atos ilícitos”, contou Jaziel. Negociação Segundo as 60 famílias, foi repassado que hoje (24), o prefeito vai conversar com os representantes para dar mais explicações. “Ontem (23) nós fomos atrás dele mais

uma vez, e foi repassado que hoje (24) poderíamos falar com ele, em meio a uma solenidade de entrega de cestas básicas que estarão sendo entregue a comunidade da zona norte, na sede da subprefeitura”, concluiu Oseas. E enquanto essa liberação não acontece, essas 60 famílias estão compartilhando o sonho de milhões de brasileiros, que ainda querem a casa própria. A reportagem tentou entrar em contato com a PMM, mas sem sucesso.

No Amazonas O Estado do Amazonas ajuizou Reclamação no Supremo Tribunal Federal (STF) para cassar decisão do Tribunal Superior do Trabalho (TST) que teria descumprido decisão do Supremo sobre contratação de mão de obra temporária e terceirizada para o sistema penitenciário estadual. Objetivo A controvérsia sobre a contratação foi iniciada pelo Ministério Público do Trabalho (MPT) por meio de uma ação civil pública ajuizada perante a 8ª Vara da Justiça do Trabalho de Manaus (AM). O objetivo era impedir a terceirização e determinar a realização de concurso público para o cargo de agente penitenciário. Museu Sacaca Inaugurado na Gestão do PSB que antecedeu a atual, o Museu Sacaca, depois de passar pelo descaso na administração passada, passa por um processo de revitalização e deverá ser entregue para os amapaenses no dia 03 de fevereiro. O mesmo vai ser reaberto com muitas novidades, até mesmo uma praça de alimentação que vai funcionar no período noturno. Fiscalização É quase uma atitude normal no Estado a utilização de dois valores para a forma de pagamento que comerciantes vem cobrando da clientela, sendo que à vista é um valor e no cartão de crédito é outro, o que é proibido, segundo o Código de Defesa do Con-

sumidor (CDC). Visando combater essa prática ilegal, o Procon estará realizando uma mega operação nos estabelecimentos comerciais. Municipalização da educação O governo federal intensificou, a partir da década de 1990, o processo de municipalização do ensino fundamental, que compreende oito anos da vida acadêmica. Tornar o ensino fundamental uma responsabilidade das prefeituras, e não mais do governo estadual, tem como objetivo aumentar a participação dos cidadãos na elaboração, implementação e avaliação do processo de ensinoaprendizagem. Mas essa política apresenta também dificuldades em sua implementação. Justificativas A municipalização do ensino permitiu a relocação do centro de poder e que as secretarias municipais se tornaram mais visível. As negociações passaram a ocorrer diretamente, pois os integrantes do processo estão mais próximos. Uma das principais justificativas para a municipalização é que, tanto professores como diretores, além dos próprios pais e alunos, tinham uma relação distante com o governo estadual e, ao tornar o município responsável pela educação, eles estariam mais próximos da administração. Será? O que diz a lei A Lei de Diretrizes e Bases da Educação (LDB), publicada em 20 de dezembro de 1996, define, em seu artigo 32, da Seção III - Do Ensino Fundamental, que, nesse período, o aluno deve desenvolver a sua capacidade de aprender e dominar a leitura, a escrita e o cálculo, compreender o ambiente onde está inserido, adquirir valores e atitudes de convivência no meio social e fortalecer o vínculo com a família.


JD

Polícia

Irmãos são mortos,na Fazendinha Um dos acusados de ter cometido o crime é Policial Militar AlyneKaiser DaReportagem

O

s irmãos William e Marcelo da Costa Sidone, de 27 e 20 anos, foram executados na manhã do último sábado (21) na praia de Fazendinha. De acordo com informações da polícia, passava das 7h30 da manhã quando os irmãos foram surpreendidos por dois homens que chegaram em um Fiat Marea. Marcelo e William teriam saído de uma casa noturna ali próximo após uma discussão e resolveram passar na praia, antes de ir pra casa, no bairro Perpétuo Socorro. Segundo testemunhas, quando os dois iam entrar num táxi foram surpreendidos pela dupla que chegara

de carro. Marcelo foi o primeiro a ser baleado com três tiros. O irmão, com o intuito de ajudá-lo se meteu no meio do tiroteio e acabou baleado. Os dois foram levados por uma ambulância do Corpo de Bombeiros para o Hospital de Emergências. Marcelo falecera por volta das 9h e William às 15h40 da tarde do mesmo dia. Homens da Delegacia Especializada em Crimes Contra a Pessoa (Decipe) estiveram no local do crime e colheram alguns depoimentos. Segundo testemunhas, um dos acusados de ter cometido o crime é policial militar e está lotado no 7º Batalhão de Polícia Militar com sede no município de

Porto Grande. Por telefone, o comandante do 7º BPM, tenente coronel Amaral disse desconhecer a acusação. O tenente coronel Almeida, da Diretoria de Comunicação da PM não soube informar o caso, já que nada foi repassado aquela diretoria, até o fechamento desta edição. Os tiros, segundo a perícia, eram de uma pistola Ponto 40, de uso exclusivo da Polícia. Com a palavra a Corregedoria de Polícia Militar O corregedor substituto tenente coronel Rodolfo informou que no sábado ainda, uma testemunha ocular do crime esteve naquela instituição e informou que um dos causados era poli-

cial Militar. O acusado se apresentou na sede da Corregedoria e negou o crime. “Ele entregou a arma ao comando e disse que pode ser periciada, porque ele não cometera crime algum. Agora, resta a delegada pedir a perícia”, disse Rodolfo. Um segundo acusado, que também é militar, teve a arma apreendida. “A Corregedoria tomou todas as medidas necessárias, apurando os fatos, mesmo sabendo que não compete a nós, pois não apuramos crimes não militares, mas as nossas investigações podem subsidiar a Polícia Civil”, disse Rodolfo. Os nomes dos militares envolvidos não foram confirmados pela PM.

DTE prende mulher de traficante agindo no Santa Rita AlyneKaiser DaReportagem

A

gentes da Delegacia Especializada em Tóxicos e Entorpecentes (DTE) conseguiram prender no último final de semana, a mulher de um dos traficantes mais atuantes do bairro Santa Rita. Marcilene dos Santos Freitas, de 40 anos, foi presa em flagrante após mandado de busca e apreensão

na residência dela, localizada na passagem Santa Catarina. De acordo com informações do delegado, Marcilene é esposa do traficante Miselmar , preso no mês de novembro de 2011. Durante as buscas a polícia conseguiu apreender com a acusada 107 cabeças de entorpecentes, tipo crack. Marcilene é esposa do traficante Miselmar, preso

no mês de novembro de 2011. Ele cumpre pena no Instituto de Administração Penitenciária do Amapá (Iapen) por crime de tráfico de entorpecentes, artigo 33 do Código penal Brasileiro. “Como ele está preso, impossibilitado de continuar a venda de drogas, a sua esposa Marcilene então assumiu o ponto, fato confirmado pela própria traficante. Muitas vezes as esposas

continuam a atuação na boca de fumo após a prisão do marido, podendo assim, pagar as despesas da família”, garantiu o delegado. A droga foi encontrada dentro de um recipiente de plástico e no bolso de uma bermuda que estava pendurada no varal. Marcilene foi encaminhada a penitenciária feminina e enquadrada no crime de tráfico de drogas.

B2 Dupla tenta roubar sítio e acaba em cana Macapá-AP, terça-feira, 24 de janeiro de 2012

Editor: Pablo Oliveira - pc.oliveira@jdia.com.br

Dois deles, Ramon Teodorico Pantoja, 25 anos, e Jeferson de Jesus Braga, de 21 anos. Um adolescente de 17 anos, que os acompanhava, foi apreendido

C

inco homens armados invadiram o sítio Tatacaiama no quilômetro três do bairro do Aurá na manhã do último sábado. Dois deles, Ramon Teodorico Pantoja, 25 anos, e Jeferson de Jesus Braga, de 21 anos, foram presos como suspeitos de terem realizado o crime. Eles foram levados para a Central de Flagrantes da Cidade Nova e reconhecidos pela vítima e por uma testemunha. Um adolescente de 17 anos, que os acompanhava, foi apreendido. Segundo os relatos de Naltiele dos Santos, de 20 anos, testemunha do crime, a dona de casa Maria do Socorro Santa Brigida, de 37 anos, teve sua residência invadida pelos cinco homens. “Eles entraram pela porta de trás anunciando o assalto. Mandaram ela ajoelhar e pediram as máquinas usadas para roçar”, contou Naltiele. Como o produto do roubo não foi encontrado, Maria

do Socorro foi agredida por eles, além de ter a arma utilizada no crime apontada para a sua cabeça. “Enquanto eles maltratavam ela no quintal da casa, um deles entrou e foi tentar roubar o DVD, mas não conseguiu”, relatou a vizinha. Nesse momento, a vítima anunciou que a polícia estaria chegando ao local, fazendo com que os suspeitos fugissem. Três foram capturados e outros dois conseguiram fugir. Além de tentar roubar a casa, os suspeitos ainda ameaçaram voltar caso algo fosse relatado para a polícia. Eles se recusaram a falar com a imprensa. A prisão foi realizada pela guarnição do cabo Lobato da 14ª Zona de Policiamento. Autuados A dupla foi autuada por roubo qualificado. Já o adolescente foi encaminhado para a Data. (Diário do Pará)

Final de semana violento com dez mortes Ciclista Homem mata dois após por volta das 8h de sábado Palmares. A família do ga- mata a tiros AlyneKaiser DaReportagem (21) no Hospital de Emer- roto ainda resgatou ele final de semana foi gências. com vida e levou-o para e consegue ser retirado de boate considerado violenDavid havia dado entrada uma unidade de saúde, to pelas autorida- naquela casa de saúde ho- mas ele já chegou sem fugir ouglas de Jesus Lima, glas, após abandonar o taxi, des policiais. Nove mortes ras antes quando havia so- vida. de 20 anos, foi preso abordou o condutor de um

O

consideradas violentas foram registradas, sendo 6 assassinatos, duas mortes no trânsito e dois afogamentos. O Rafael de Jesus Lopes, de 25 anos, foi assassinado com várias facadas pelo corpo. O crime aconteceu por volta das 3h da manhã de sábado em frente a uma residência no Loteamento São José, zona norte da cidade. De acordo com a polícia, ninguém soube informar quem teria cometido o crime. Um inquérito policial foi instaurado pela equipe da Decipe para apurar o crime.

Morte no trânsito O David Machado Gomes, de 47 anos, faleceu

frido um acidente na Rodovia Duca Serra. David conduzia uma bicicleta quando fora atropelado pela motocicleta de placa NEU 6437. O condutor do veiculo Kalil G. Barreto Rodrigues, também teve leses escoriações pelo corpo e foi levado para o HE de Santana e encontra-se fora de perigo.

Afogamento O pequeno Daniel de Souza Neto, de 5 anos de idade, brincava junto com alguns coleguinhas na tarde de sábado (21) quando um acidente aconteceu. O menino caiu em uma fossa e que estava aberta no quintal de uma casa localizada no Loteamento

Ronda Policial JOÃOBOLERO Da99,1FM Polícia militar prende traficante com cocaína Recém inaugurada a Base Comunitária que fica no Bairro das Malvinas, em Laranjal do Jari, mesmo assim, não intimidou o EDIZEU BOUSSE (23), que vinha comercializando drogas a 100m da referida Base, mas, como os PMs já vinham na cola dele, por volta das 06h30min da tarde de sábado (21), foi dado o “bote” na casa do Edizeu, onde os policiais apreenderam 21 porções de cocaína, uma balança digital, tesouras, sacos plásticos, tubos de linha e outros materiais indispensáveis para preparar e embalar a droga. O Edizeu juntamente com a droga foi apresentado na Delegacia de Polícia,onde foi flagranciado pelo Del. Tobias. A prisão foi feita pelo SGT Silva Rocha e pelo SD Jeferson Souza, da PM da-

quele Município. Adolescentes são apreendidos com crack e maconha Uma Guarnição do BRPM, apreendeu por volta das 05h30min da tarde de sábado, na Caesinha, no Bairro Perpétuo Socorro, os adolescentes das iniciais A.L.O.R (17 ), I.M.C (16) e J.G.O (16). Com eles, os PMs apreenderam seis cabeças de crack e dois tabletes de maconha prensada, pesando 200g. Os três foram encaminhados a DEIAI onde o Del. de plantão elaborou o Auto de Apreensão em flagrante, e aguarda a decisão do Juiz da Vara da Infância e do Adolescente, para encaminhálos ao CIP. Irmãos são assassinados a bala em fazendinha Mais um crime para a

Motoqueiros chegam atirando e matam jovem No domingo (22), uma dupla de motoqueiros chegou na Rua Vita Mota Dias, no bairro Jardim Marco Zero e disparou diversas vezes na direção de dois rapazes que estavam em outra motocicleta. Uma das vítimas, conhecido como “Bombado” acabou morrendo na hora. O amigo dele, Adriano da Cruz Santos, de 26 anos, acabou alvejado nas costas e foi encaminhado ao Hospital de Emergências. Até o fechamento desta edição o Bombado ainda não havia sido identificado na Politec. Um inquérito policial foi instaurado para apurar o crime.

Delegacia de Homicídio resolver. Trata-se dos assassinatos em que foram vítimas os irmãos MARCELO DA COSTA SIDONE (20) e o WILLIAN DA COSTA SIDONE (27), residentes na Rua Turíbio Guimarães. Eles foram vítimas de disparos de arma de fogo, cujo crime aconteceu por volta das 07h30min da manhã de sábado (21), na Rua Chaves de Melo, Balneário de Fazendinha que, segundo testemunhas, foi praticado por um homem que estava em um carro marca Marea verde grafite, que, aproveitando o momento em que as vítimas iam entrando em um taxi, disparou vários tiros nas mesmas, que foram encaminhadas ao H.E de Macapá, sendo que o Marcelo morreu por volta das 09h00min da manhã e o William às 03h40min do sábado. Até agora, a Polícia não sabe quem é o criminoso. Homem é trucidado a facadas no loteamento São José Mais um crime praticado por arma branca. A vítima foi o autônomo RAFAEL DE JESUS LOPES (25), Paraense, que foi encontrado por populares por

O

jovem Renan José Morais Luciano, 22, foi morto a tiros na tarde de ontem, no Conjunto Marituba 1, no município de Marituba, a cerca de 10 quilômetros do centro de Belém. De acordo com informações da polícia, ele teria sido abordado por um ciclista na praça do conjunto e tentou fugir correndo em direção da rua Principal. Quando se aproximava da quadra T, foi baleado nas costas e cabeça, falecendo no pátio de uma residência. “Tudo indica que foi um “acerto de contas”, visto que a vítima estava em condicional pelo crime de roubo. Há 3 meses ele tinha sido libertado e desde então estava residindo em São Caetano de Odivelas (PA). Na primeira visita à família, que mora toda aqui em Marituba, ele foi assassinado”, afirma o sargento Mesquita, da 18ª ZPol, da Polícia Militar.

volta das 03h00min da madrugada de sábado (21), já morto, com pelo menos 20 facadas pelo corpo. O pior é que a Polícia não sabe quem matou o Rafael, pois até agora, não apareceu nenhuma testemunha do crime. Ciclista atropelado por uma moto morre no H.E da capital Morreu por volta das 08h00min da manhã de sábado (21) no H.E de Macapá, o autônomo DAVID MACHADO GOMES ( 47), que residia na Av. D. Pedro I, 584, Bairro Hospitalidade, em Santana.Ele foi vítima de acidente de trânsito, que aconteceu na Rod. Duca Serra, próximo ao Pólo Universitário já no Município de Santana, quando a vítima pedalava uma bicicleta e foi violentamente atropelada por uma moto de placa NEU6437, dirigida por KALIL GIBRÃO BARRETO RODRIGUES, que sofreu vários baques pelo corpo e teve que ficar internado no H.E de Santana. Esse acidente aconteceu por volta das 05h15min as madrugada de sábado. Criança de cinco anos morre afogada em uma

D

no último dia (22), acusado de matar duas pessoas e deixar uma outra ferida, em Caxias do Sul, na serra gaúcha, após ser retirado de uma casa noturna. Douglas foi retirado da boate Bailão Alternativo, no bairro Santa Catarina, segundo a Polícia Militar. Ao sair, ele atirou contra o segurança da casa, Marcos Nunes da Silva, 34 anos, que foi levado ao hospital Pompeia, onde morreu. O acusado fugiu em um táxi, que foi encontrado pouco tempo depois, com o motorista Dinarte Armando Dannenhauer, 58 anos, também baleado na cabeça. Ele foi socorrido pela ambulância do hospital Fátima até o hospital Pompeia, onde não resistiu. Segundo a polícia, Dou-

fossa Mais uma morte de criança por causa de fossa aberta. Essa tragédia aconteceu por volta das 05h00min da tarde de sábado (21), no quintal de uma casa que fica na Av. Uva, no Conjunto Palmares, próximo ao Bairro Brasil Novo, quando o pequeno DANIEL DE SOUZA NETO (5), brincava próximo a uma fossa aberta e acabou caindo na mesma. Ele ainda chegou a ser socorrido pela família, mas, acabou morrendo quando chegou ao Posto de Saúde da Zona Norte. Autônomo é assassinado no jardim marco zero Foi por volta das 08h10min da noite de ontem (22), que dois homens que estavam em uma moto de cor preta, na Rua Vita Mota Dias, no bairro Jardim Marco Zero, se aproximaram de outra moto onde trafegavam duas pessoas, quando o homem que estava na garupa da moto preta, desferiu cinco tiros em direção a outra dupla, onde morreu na hora o elemento conhecido até agora, como Dinael, vulgo “Bombado”, enquanto o colega dele ADRIANO

veículo Gol, Jairo da Silva, de 37 anos, e obrigou a conduzi-lo até o bairro São José, onde o motorista também foi encontrado baleado na região da cabeça e socorrido ao hospital Pompeia. Douglas foi preso no bairro Bom Pastor. Segundo a polícia, Douglas cumpre pena no instituto penal de Caxias do Sul por roubo a estabelecimento comercial e porte ilegal de arma de fogo. Na residência de Douglas foram apreendidos quatro celulares, aproximadamente R$ 400,00 em dinheiro, um revólver Taurus com numeração raspada, cinco cápsulas deflagradas e uma intacta. Não há informação sobre qual seria o motivo para que o suspeito fosse retirado do local. (Agência Estado)

DA CRUZ SANTOS (26), foi atingido nas costas e no pé esquerdo e ficou internado no H.E da Capital. Os criminosos até agora, não foram presos e a Policia não sabe quem são. Casal é preso com crak no distrito do lourenço Uma Guarnição da PM do Distrito do Lourenço, no Município de Calçoene, prendeu por volta das 05h00min da madrugada de domingo (22), em via pública, o VALDINEI LIMA PIMENTEL ( 20 ) e apreendeu a companheira dele de 17 anos, G.M.S. Com eles, os PMs apreenderam 14 cabeças de crack e a importância de 476 reais, fruto da venda da droga. Foi uma denúncia anônima que fez uma Guarnição da PM composta pelo SGT Adervan, o SD Branco com apoio do Ten. Messias, chegar até o casal, que por sinal já vinha sendo monitorado pelos policias. O Valdinei foi flagranciado na Delegacia de Polícia de Calçoene e deve chegar nesta segunda-feira a Macapá indo pro IAPEN. Já a adolescente será transferida para o CIP em Macapá.


JD

DiaDia

Macapá-AP, terça-feira, 24 de janeiro de 2012

B3

Editor: Fabrício Costa - fabriciocosta@jdia.com.br DIVULGAÇÃO

Sinsepeap faz ato de solidariedade aos moradores de Pinheirinho, em São Paulo heverton mendes

Integrantes do Sinsepeap durante manifestação na Praça das Bandeiras

ANDERSONCALANDRINI Da Redação

D O Ministério da Saúde intensificará ações de promoção à saúde, prevenção e controle da obesidade em 120 escolas públicas do Amapá

Ação contra obesidade infantil atingirá 120 escolas do Amapá Iniciativa vai envolver alunos com idade entre 5 a 19 anos

O

Ministério da Saúde intensificará ações de promoção à saúde, prevenção e controle da obesidade em 120 escolas públicas do Amapá. A iniciativa vai envolver alunos com idade entre 5 a 19 anos, e faz parte da primeira edição da Semana de Mobilização Saúde na Escola, que acontecerá em março em Laranjal do Jarí e Macapá, que fazem parte do Programa Saúde na Escola (PSE). A medida foi anunciada na manhã de ontem, pela presidenta Dilma Rousseff durante o programa de rádio Café com a Presidenta. Neste ano, mais de 50 mil escolas em 2.500 municípios brasileiros se comprometeram a implementar metas e ações de promoção, prevenção, educação e avaliação das condições de saúde das crianças e adolescentes nas escolas. O tema de trabalho prioritário em 2012 será Prevenção da obesidade na infância e na adolescência.

Obesidade Segundo a Pesquisa de Orçamento Familiar (POF), realizada entre 2008/2009 pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), uma em cada três crianças com idade entre 5 e 9 anos estão com peso acima do recomendado pela Organização Mundial da Saúde (OMS) e pelo Ministério da Saúde. O índice de jovens de 10 a 19 anos com excesso de peso passou de 3,7%, em 1970, para 21,7%, em 2009. No Programa Café com a Presidenta, Dilma Rousseff ressaltou a importância do envolvimento de todos na ação. Saúde nas escolas As ações do Programa Saúde na Escola são desenvolvidas por equipes de Saúde da Família ligadas à Unidade de Saúde Básica (UBS), que se deslocarão até a escola para examinar as crianças e desenvolver práticas educativas de promoção, prevenção e avaliação das condições de saú-

Valor liberado aos municípios do Amapá que aderiram ao Programa Saúde na Escola: UF Município AP Laranjal do Jari AP Macapá TOTAL de. “A manutenção do peso adequado desde a infância é um dos principais fatores para a prevenção de doenças na fase adulta”, explica a coordenadora do Programa Saúde da Família, Raquel Turci. Neste ano também serão programadas visitas da comunidade às Unidades Básicas de Saúde, ação prevista dentro da estratégia Saúde Mais Perto de Você. Investimento O Ministério da Saúde autorizou em dezembro de 2011 o repasse de R$ 368.500,00 referente aos 2 municípios do Amapá que aderiram ao PSE no ano passado. Outros 229 municípios brasileiros aderiram ao programa neste

Valor em R$ 140.700,00 227.800,00 368.500,00

ano e novos recursos serão repassados a partir de fevereiro. Os valores serãoliberados em duas etapas:na primeira,o município receberá no início de 2012 os 70% do valor acertado para implementar as ações. Os 30% restantes serão pagos em dezembro de 2012, após prestação de contas das ações em desenvolvimento. O Programa Saúde na Escola é desenvolvido pelos Ministérios da Saúde e Educação, desde 2007, com o objetivo de prevenir e promover a saúde dos educandos de 5 a 19 anos. A iniciativa foi integrada ao Programa Brasil sem Miséria, lançado pela Presidência da República em 2011.

iversos sindicatos e entidades da sociedade manifestaram repúdio pela invasão policial na área do Pinheirinho, em São José dos Campos, no Vale do Paraíba, interior paulista. As críticas se voltam, principalmente, ao governador Geraldo Alckmin e ao prefeito Eduardo Cury. No Amapá o Sindicato dos Servidores em Educação Pública do Estado do Amapá – Sinsepeap, como entidade representativa, fez uma manifestação, como outras entidades nacionais, para manifestar seu repudio as atitudes tomadas pelo Governador de São Paulo junto com a Prefeitura da Cidade do interior paulista. O sindicato se reuniu na Praça das Bandeiras, por volta das 17h de ontem, e lá fez um ato de panfletagem para mostrar a sociedade amapaense, o que as grandes redes de comunicação nacionais não fizeram. “Essa é uma luta do conjunto dos movimentos sociais nacionais, que dão todo o apoio a população do Pinheirinho. Por isso estão ocorrendo manifestações nacionais, para que

essa população saiba que não está sozinha, e também para se fazer frente à truculência do Governador Geraldo Alckmin e do Prefeito de São José dos Campos, Eduardo Cury” explicou Almir Brito, representante da coordenação do ato no Amapá. Segundo o Sinsepeap as atitudes não deveriam ter ganhado toda a proporção dada pelo Executivo de São Paulo, pois existe um parecer, da Justiça Federal, que não dava margem para a desocupação da área, mas mesmo assim a Justiça Estadual tomou a iniciativa e tirou mais de cinco mil pessoas de suas casas, usando um efetivo muito superior ao que foi usado na desocupação da Rocinha. “Então a esquerda Nacional está se unindo para fazer manifestações em todo o Brasil, para chamar a atenção da população, para essa atitude grotesca que foi tomada em São Paulo, por isso que estamos realizando essa panfletagem aqui no Centro, para tentar distribuir essa informação ao máximo de pessoas possíveis, diferentemente dos grandes canais televisáveis, que marginalizaram aquela população”, concluiu Almir Brito.

MP requer implantação efetiva de políticas públicas de habitação em Santana

heverton mendes

Pesquisa vai revelar situação das mulheres que atuam em segurança pública

A

Secretaria Nacional de Segurança Pública (Senasp), do Ministério da Justiça, iniciou ontem, pesquisa nacional sobre a presença das mulheres nas instituições de segurança pública. A iniciativa pioneira vai elaborar o perfil das mulheres integrantes das polícias civis, militares e científicas, além dos bombeiros de todo o país. Com base nos resultados, serão construídas políticas de valorização profissional, saúde e qualidade de vida para esse grupo. Serão também mapeadas experiências e políticas de valorização profissional voltadas a essas profissionais por meio de um levantamento das atividades que realizam, das condições que encontram para o desempenho no cotidiano do trabalho, entre outras informações. A pesquisa é feita pela internet, até 23 de fevereiro, com utilização de um questionário online, que deve ser respondido em um único acesso e apenas por profissionais do sexo feminino. A Senasp enviou o questionário para as Se-

DIVULGAÇÃO

Promotor de Justiça Adilson Garcia: projetos habitacionais em Santana

O

Políciais femininas durante treinamento; pesquisa vai revelar presença das mulheres na segurança pública

cretaria Estaduais de Segurança Pública, compartilhou em sua rede de educação a distância entre outras iniciativas. As respostas são anônimas e não há qualquer tipo de identi-

ficação da participante. Os resultados da pesquisa serão transformados em uma publicação e divulgados posteriormente no site do Ministério da Justiça. A expectativa é que

o relatório final subsidie a elaboração e implementação de políticas específicas de valorização profissional, saúde e qualidade de vida para as mulheres do segmento.

promotor de Justiça Adilson Garcia, titular da Promotoria de Justiça de Defesa do Meio Ambiente, de Ordem Urbanística e Patrimônio Cultural de Santana reuniu com o prefeito de Santana, José Antonio Nogueira e o secretario de Estado de Infraestrutura, Joel Banha, para tratar de assuntos relacionados às políticas publicas de habitação do município. De acordo com informações do promotor de Justiça, durante a reunião foram abordadas ainda possíveis soluções para as áreas que serão desapropriadas e estudos de transferências de terras do Estado para o Município visando a implantação do projeto Minha Casa Minha Vida II. “A previsão de construção inicialmente é de 2.200 unidades habitacionais no município de Santana”, disse Garcia. O promotor de Justiça

recomendou ao governador e ao prefeito a desapropriação de cinco áreas, as quais ultrapassam 300 hectares, além da devolução ao Município das áreas dos bairros Piçarreira, Delta do Matapi e Elesbão, as quais estão antropizadas (alteradas por conseqüência de atividade humana) e são bairros de fato e não de direito, inviabilizando a execução de políticas públicas por parte do Município de Santana. Também estiveram presentes na reunião o presidente da Câmara de Vereadores do Município de Santana, Josivaldo Abrantes, o secretário Municipal de Desenvolvimento Urbano e Resíduos Sólidos, Manoel Jacinaldo Araújo Benjamim e o representante do Instituto de Meio Ambiente e Ordenamento Territorial do Amapá (IMAP), Pedro Paulo Matos Bosque.


Santana

JD

Macapá-AP, terça-feira, 24 de janeiro de 2012

B4

Editor: Fabrício Costa - fabriciocosta@jdia.com.br

Parque das Laranjeiras e Jardim de Deus sofrem com a falta de ônibus em Santana Passageiros ficam nas paradas por mais de 40 minutos, o que torna cansativo e perigoso à noite, no município santanense andreza sanches Da Redação

N

o único ponto de ônibus que existe no bairro, são pelo menos 40 minutos de espera. Quem precisa utilizar o transporte público nos bairros Parque das Laranjeiras e Jardim de Deus deve contar com a sorte. Um dois coletivos atendem as comunidades, mas demora dos ônibus tem prejudicado os moradores, que reivindicam pelo aumento do número de linhas nos bairros. Segundo a dona de casa Renilda Lau, é preciso muita paciência, além da estrutura, que não existe, pois o único ponto não há abrigo, a demora diária do transporte é outro fator que dificulta á vida dos passageiros. “É complica-

do, pois se precisamos resolver algum problema no centro da cidade, temos que chegar uma hora antes do horário que pretendemos pegar o ônibus, porque o coletivo demora muito para passar” reclamou a moradora. Já o administrador Jorge Miller, incomodado com a demora e com o trajeto do coletivo, chegou a interrogar o motorista para saber o porque, um único trajeto chega a durar cerca de uma hora, ele lamenta a falta de transporte público e o desrespeito dos condutores do coletivo para com os usuários “ Perguntei dentro do ônibus, porque o motoristas passam uma hora circulando na cidade para cumprir um percurso que duraria 20 minutos, e me responderam simplesmente que é ordem

da administração. Eu acho que tinha que ter mais linhas para atender as comunidades” disse o passageiro. Dificuldade também para a dona de casa, Ivancleia Soares, que mora no bairro Jardim de Deus, para levar as filhas à escola, ela precisa caminhar alguns quilômetros até o Parque das Laranjeiras, onde fica a parada mais próxima, depois da caminhada, a espera pelo transporte também é bastante cansativa. “Sem contar com a espera que temos com os coletivos da linha Santana/Macapá. Já cheguei a passar uma manhã inteira no ponto de ônibus da Rodovia Duca Serra, porque o ônibus passava lotado e não parava para os usuários,uma falta de respeito isso” declarou a dona de casa.

Passageirosficamaesperadeônibusporquase1horadevidoafaltadotransportecoletivonomunicípiosantanense

OproblemadafaltadeônibusemSantanaéantigoemesmocomasdenúncias,opoderpúbliconãofaznadaparamudaressatristerealidade.Moradoresàsvezessearriscamànoitenasparadasdeônibus

Parceria visa garantir preservação de área ambiental no município santanense

A

presença ilegal de caçadores na Reserva Particular do Patrimônio Natural (Revecom) chegou a ameaçar a existência de dezenas de espécies de animais preservados em Santana. Quelônios, peixes, pássaros e outros animais da fauna silvestre estavam

sendo mortos para o próprio consumo ou fortalecimento do comércio ilegal, Mas uma parceria com a Guarda Florestal de Santana pretende coibir a ação de caçadores na Reserva. Nos últimos meses, a Unidade enfrentou diversos problemas, entre eles, a

caça indiscriminada. As invasões eram frequentes, os bandidos se aproveitavam do espaço sem qualquer permissão, para matar ou maltratar os animais. O responsável pela reserva, Paulo Amorim, conta que estava se tornando comum encontrar carcaças de ani-

mais, espécies amordaçadas ou mutiladas pelos caçadores. “É uma área projetada para funcionar como habitat natural de espécies apreendidas por órgãos ambientais, então chega a ser um absurdo o que os caçadores estavam fazendo” disse Amorim.

A situação preocupou os responsáveis pela reserva, já que o trabalho é voltado para recuperação das áreas degradadas e de animais maltratados pela ação do homem, o caso continua sendo investigado pela polícia. Sensibilizados com o problema, a Guarda Flores-

tal de Santana buscou firmar parceria para ajudar na preservação da unidade. “Cerca de 500 animais vivem na reserva, incluindo aqueles que convivem na floresta, essas espécies já recebem um tratamento especial” acrescentou o inspetor Silva.

Ipem se organiza para verificação em bombas medidoras de combustível no município santanense

T

écnicos do Instituto de Pesos e Medidas do Amapá (Ipem/AP) já iniciaram a verificação periódica de bombas medidoras de combustível líquido nos postos de Macapá e Santana. Durante a ação, as bombas de combustível devem estar de acordo com as normas

estabelecidas pelo Instituto Nacional de Metrologia, Normalização e Qualidade Industrial (Inmetro). Na fiscalização, será verificado o lacre da bomba, seguido de ensaio de medição e determinação de erros, utilizando-se para isso um padrão de 20 li-

Técnicosfazemoexamevisuad l asbombasc ,hecagemdasmarcasdeverificaçãoedosistemadelacraçãos ,eguidosdeensaiodemediçãoedeterminaçãodeerros

Ospostosirregularesreceberãoumautodeinfraçãod , ocumentorelatandoas falhasencontradaseasprovidênciastomadaspelafiscalização

tros. No ensaio, é feita a comparação preços e quantidade com o que marca o mostrador da bomba para observar o funcionamento correto do instrumento. Segundo o diretor técnico do Ipem, Raimundo Gaudêncio, em caso de irregularidades os postos

recebem um auto de infração, documento relatando as falhas encontradas pelos fiscais. “O proprietário tem dez dias para apresentar defesa junto à superintendência do instituto” diz Gaudêncio. Dicas para o consumi-

dor -Chegando ao posto de gasolina, certifique-se de que a bomba de combustível, onde será realizado o abastecimento do seu carro, esteja marcando “zero”, no visor relativo aos litros e valor a pagar. - Observe se o valor total a pagar está compatível

com a relação: valor por litro x litros abastecidos. -Fique atento à marca de verificação e ao lacre na bomba. Ele é a certeza de que o posto está com os aparelhos aptos a fornecer, com precisão e segurança, combustível ao c o n s u m i d o r. ( A s c o m / Ipem)


JD

Esporte

Macapá-AP, terça-feira, 24 de janeiro de 2012

Editor: Pablo Oliveira - pc.oliveira@jdia.com.br

Vencedores além de receber recursos financeiros, confirmaram pontuação no ranking nacional e mostraram porque a corrida está inserida no calendário nacional brasileiro do pedal

Deu vitória carioca na 34ª Corrida Antônio Asmmar de Ciclismo Cerca de 200 competidores estiveram presentes na competição amapaense MARIO TOMAZ Da reportagem

U

m show de malabarismo e muita determinação na 34 edição da Corrida Antônio Assmar de Ciclismo, realizada na manhã deste domingo, na beira-rio. O clima da região colaborou para que todas as categorias das duas modalidades disputadas: a estrada e a moutain bike fosse execu-

tadas com sucesso pela equipe de Ivanildo dos Passos. Na categoria mais esperada do dia, a Elite que largou logo após a vitória do cadeirante João Bosco Júnior, vitória de um carioca, Fabiele Mota - da equipe FW Engenhenaria. Os demais classificados na primeira colocação foram de São Paulo e do Rio de Janeiro. A Paraíba também levou uma das categorias,

mas o Amapá ganhou no feminino, infanto, juvenil e nas categorias máster fechando assim a competição: em primeiro ficou a equipe Adenture Bike, com José Natanael recebendo prêmio; em segundo ficou a equipe HC3 Sport e em terceiro a equipe Força, patrocinada pela LMS. Eduardo Pini retornou as pistas depois de uma operação que o tirou de disputa nacional em Curitiba no ano passado, venceu sua categoria e se diz

pronto para aumentar seu ritmo “Infelizmente no ano passado tivemos problemas e não conseguimos representar o Amapá a nível nacional, mas estamos de volta objetivo de melhorarmos a cada ano”, lembrou. Pinho Silva, o “Gato Mestre” está de volta às pistas e já prometeu que ao lado estarão Waldemir Tavares e Odilene Ramos, esta última vencedora da categoria feminino.

“Nosso objetivo agora é treinar forte e investir em talentos: o Waldé é um, ele é um rapaz dedicado, bastante focado naquilo que quer e espero vê-lo sendo campeões de várias provas, já a Odilene é uma aposta, ela conseguiu vencer hoje e vai aumentar seu treinamento para a corrida da cidade, no dia 5, e espero que consiga melhorar o índice amapaense no femin i n o ”,

Momento da chegada de Fabiele Mota, campeão da prova ciclística

Melhor amapaense na corrida Antônio Assmar Goleada marca amistoso de 50 anos do Independente ficou em sexto

MARIO TOMAZ

MARIO TOMAZ

Equipe do Independente que goleou os quarentões neste final de semana na festa dos 50 anos do IEC

Trata-se de Kléber do Espirito Santo, da equipe Força

O

melhor amapaense na corrida Antònio Assmar também foi destaque no campeonato Norte/Nordeste de 2011. Chama-se Kléber do Espirito Santo e é patrocinado pela empresa de Vigilância LMS. No último domingo por pouco a medalha não chegou para o Estado, mas segundo Kléber é preciso haver mais atletas do seu nível para fortalecer ainda mais o ciclismo amapaense a nível

nacional. “A saída de Alex Fábio diminuiu o número de bons atletas representando o Estado e a gente tem buscando de todas as formas medalhar nas competições nacionais. Sabemos da dificuldade, mas acreditamos em nosso patrocinador para nos manter nos treinamentos. Por isso, quero agradecer ao seu Marba pelo apoio e crédito que tem dado ao ciclismo da equipe Força”, lembrou.

Q

uando Mário Brandão pegou nas camisas do Independente para distribuir o número de jogadores que entrariam em campo ficou maravilhado. Pegou logo a camisa 13 e disse que seria reserva. “Eram tantas feras que nem me deu vontade de entrar jogando”. Rodolfo Marinho Leite, Miranda, Tiago, Jorginho Macapá, Nerivaldo. Feras que brilharam no futebol profissional e que agora dão show à parte fizeram parte do grupo

alviverde na partida contra os quarentões santanenses. Foram quatro belos gols que fizeram com um super goleada e só terminaram com as homenagens ocorrida à noite na sede do clube. O primeiro só poderia ser dele. Depois de treze minutos de defesa, o Independente se movimentou e a bola chegou ao jogador Tiago, ele invadiu pelo lado direito e passou, Miranda se apresentou e marcou o primeiro. Mário Brandão, no segun-

C1

do tempo também fez o dele e deu números finais ao placar alviverde. Mário Brandão conversou com nossa reportagem e disse que ainda pode mudar de idéia com relação a participação do clube no campeonato de futebol profissional “Vamos reunir nessa semana e se não fecharmos o nosso projeto não iremos nos argolar porque ainda estamos devendo alguns jogadores e esperamos quitar essa dívida ainda neste ano”, finalizou.

lembrou. Durante a competição foram sorteados vários prêmios e degustado produtos como HP, Powerbull, Gol e Energil Sport, da Distribuidora Bom Preço, além de prêmios do Sesc Amapá e Vivo. “E ainda não acabou, dia 31 gostaria de convidar a todos para o Saúde na Rua, mais uma promoção da Tv Amapá para a comunidade amapaense”, destacou Dani Sussuarana. Para o presidente Antônio Carlos Araújo da Silva esse foi um ano em que se começou bem a disputa no ciclismo amapaense, principalmente pela qualidade da equipe de arbitragem e da vontade dos atletas de participarem “Vocês viram a presença de oito estados brasileiros, de coordenador municipal de esporte, do secretário de estado do desporto, da Polícia Militar, do Samu, dos Bombeiros, do empresariado que vende dando apoio, de patrocinadores e de muita gente na bagaceira para querer ter um minuto de sucesso e é assim que a gente quer ver o ciclismo: um esporte com vontade e determinação”, finalizou o presidente. Próxima parada dos ciclismos amapaenses será a prova da cidade, dia 5 de fevereiro, no circuito zona Norte, bairro Jardim Felicidade.

Judô Amapaense premia melhores da temporada 2011

O

judo amapaense está em festa. Ocorreu na manhã deste sábado a premiação dos Melhores de 2011. O evento foi realizado na fazendo do empresário Marcos Cardoso. Foram premiados os primeiros melhores lugares no geral, com destaque para a academia Ronildo Nobre, bem como os destaques da temporada - Lilian Amaral e Julinho Vilhena, que conseguiram excelentes resultados no Brasileiro e também nas Olimpiadas Escolares do ano passado. “O Judô está em festa e objetivo é melhorar cada vez mais”, ressaltou. Todos os anos a entidade promove o evento com o objetivo de reconhecer aqueles atletas que com garra, determinação e brilho conseguiram o lugar mais alto do pódio. Ao todo, a Federação premiará onze atletas da classe sub – 13, ao Grand Másterque receberão o troféu de Honra ao Mérito como forma de incentivo a prática do esporte do tatame no Estado do Amapá. Destaque para os atletas Júlio Vilhena que foi o 1º do ranking estadual na categoria dele. Lilia Amaral, que mesmo sem superar Fernanda Maués no sub17 medalhou nas principais competições nacionais que participou. O desempenho dela demonstra a conquista da medalha de prata no Brasileiro Sub-17, bronze na seletiva nacional e bronze nas olimpíadas escolares. Júlio Vilhena também conquistou a prata no campeonato brasileiro Sub-17, e bronze nas Olimpíadas Escolares fase nacional realizada em Curitiba-Paraná. Os melhores do Judô no ano de 2011 foram: Madjer Fernandes categoria sub 13 masculino. Ele pertence aSindivi/Epam – Sindicato – Equipe Pedrão. Atleta Samila Moraes Sindivi/Epam – Sindicato – Equipe Pedrão.


JD

Esporte

Macapá-AP, terça-feira, 24 de janeiro de 2012

C2

Editor: Pablo Oliveira - pc.oliveira@jdia.com.br

Remo vence Independente e é líder isolado O gol de Marciano, aos 40 minutos do segundo tempo, garantiu o Leão na ponta e confirmou o Independente na lanterna DV I ULGAÇÃO

O atacante Marciano esta feliz com o primeiro gol marcado em sua volta ao Remo

D

epois de três vitórias suadas pelo placar mínimo de 1 a 0, o Remo chega à liderança da segunda fase do Campeonato Paraense 2012. O gol de Marciano, aos 40 minutos do segundo tempo, garantiu o Leão na ponta e confirmou o Independente na lanterna, ainda sem marcar nenhum ponto. Logo aos 2 minutos Ró teve a chance de abrir o placar para o Independente, mas cabeceou para fora. Aos 4, o goleiro remista Jamilton defendeu o chute

DV I ULGAÇÃO

DV I ULGAÇÃO

O Leão saiu da Terra da Energia com três pontos na bagagem

O segundo tempo foi prejudicado pela chuva

de Thiago Floriano, e aos 11 o Galo desperdiçou a melhor chance de abrir o placar com Alexandre Recife, que recebeu sozinho e soltou a bomba de perna esquerda, mas acertou o travessão. Depois da pressão inicial, o Remo conseguiu equilibrar o jogo. Mesmo recuperando a posse de bola, o Remo só levou perigo ao Independente aos 22 minutos. Joãozinho tentou passar passar pelo zagueiro e a bola sobrou para Rodrigo Ayres, que bateu para fora. Aos 30 o Galo voltou a assustar. Gian fez bela jogada e bateu no canto para a grande defesa de Jamilton, Ró aproveitou o rebote e

falta na intermedária do ataque azulino, e a bola explodiu no travessão. No lance seguinte, Panda cruzou e Rodrigo Ayres cabeceou por cima do goleiro Dida, que conseguiu se recuperar e desviou a bola, que tocou mais uma vez no travessão. Depois das chances não aproveitadas, as duas equipes diminuíram o ritmo e desceram para os vestiários com um empate em 0 a 0. Para o segundo tempo, o Remo voltou com Marciano no ataque, no lugar de Rodrigo Ayres, mas quem voltou pressionando foi o Independente. Após confusão na área azulina, Gian tentou encobrir o goleiro

chutou colocado, mas a zaga do Leão chegou a tempo de desviar para escanteio. Aos 35 o atacante Ró teve outra chance de abrir o placar para o Independente. Gian fez grande jogada pelo lado esquerdo e lançou o volante Preto Barcarena, que acertou um belo cruzamento para Ró, mas a forte cabeçada do atacante do Independente atingiu o travessão mais uma vez, e saiu por cima da meta azulina. O travessão foi o protagonista do primeiro tempo, e se o Independente acertou duas vezes, o Remo tratou de empatar. Aos 38 o lateral Panda soltou a bomba em uma cobraça de

Jamilton, que chegou a desviar, mas obrigou a zaga azulina a cortar em cima da linha. Aos 15 o Independente quase marcou após cobrança de escanteio, mas o goleiro Jamilton defendeu no reflexo. A forte chuva complicou o gramado do Navegantão, e as bolas altas passaram a ser a melhor opção para as duas equipes. O jogo só voltou a ter um lance de perigo aos 31 minutos, quando Rafael Vieira cruzou na área do Remo e o goleiro Jamilton não conseguiu cortar, mas nenhum atacante do Galo aproveitou. Quando o jogo já parecia destinado a um empate

sem gols, o meia Betinho acertou um bom lançamento e Joãozinho ganhou da zaga e do goleiro do Independente na velocidade, deixando Marciano livre para empurrar para o gol vazio. Nos acréscimos, Marciano retribuiu o passe e fez um belo cruzamento para Joãozinho marcar o segundo gol, mas a cabeçada do atacante azulino passou ao lado da trave do Independente. No final da partida, os jogadores do Independente cercaram o árbitro Andrey da Silva e Silva, reclamando de favorecimento à equipe azulina, mas de nada adiantou a insatisfação com a arbitragem. O Independente chegou à terceira derrota em três jogos, e é o lanterna isolado da segunda fase do Parazão 2012, que tem como novo líder isolado o próprio Remo, que chegou aos 9 pontos e manteve a invencibilidade. O Leão volta a campo na próxima terça-feira (24) contra o Cametá no Parque do Bacurau, para o confronto das duas melhores equipes da competição nas três primeiras rodadas. O Independente joga mais uma vez em casa na quarta-feira (25), desta vez contra o São Francisco.

Paysandu jogando com um time B, venceu Paragominas

E

m uma partida festiva, o time reserva do Paysandu venceu a seleção de Paragominas por 1 a 0, em amistoso disputado ontem à tarde. O jogo, que marcou a inauguração do estádio Arena do Município Verde, serviu, sobretudo, para o técnico Nad analisar os bicolores que não têm atuado no Campeonato Paraense 2012. Embora não esteja disputando o certame estadual e seja formada por jogadores desconhecidos, a seleção de Paragominas foi mais atuante no primeiro tempo, mas no segundo os bicolores conseguiram se acertar em campo e marcar o gol da vitória. Com um gramado pesado por conta da chuva, nos 45 minutos iniciais as duas equipes não conseguiram apresentar um bom futebol. Apesar disso, os donos da casa não se intimidaram: eles partiram para cima dos bicolores e deram muito trabalho ao goleiro Paulo Rafael, que, com muitas defesas, salvou a equipe alviceleste de sair para o intervalo em desvantagem no placar. As principais jogadas de perigo do Papão foram criadas pelo meio-campista Djalma e o atacante Bartola, mas ainda assim a primeira metade da partida terminou sem gols. Já no segundo tempo, o

técnico Nad trocou todos os onze jogadores do time titular. O Paysandu continuou sofrendo pressão da seleção de Paragominas, contudo, os bicolores conseguiram equilibrar um pouco mais o domínio da posse de bola no decorrer da disputa. Somente aos 36 minutos que o Papão abriu o placar, com o experiente atacante Zé Augusto, após bela jogada de Joaelton, que chutou cruzado para a grande área. O terçado só teve o trabalho de empurrar a bola para o fundo das redes, marcando um gol histórico, o primeiro do estádio Arena do Município Verde.

guém sempre voltava para recuperar”, explica o treinador. Na visão de Nad, a segunda equipe se apresentou mais disposta e mais organizada dentro de campo. “Isso tudo serviu para eu avaliar os jogadores que estão chegando, além dos outros da base. Foi muito bom por isso, também”, completa. O técnico percebeu ainda que falta adaptação ao atacante Leleu e ao zagueiro Da Silva, contratado recentemente, mas, por outro lado, elogiou a participação do atacante Joaelton, o mesmo que chegou para fazer testes na Curuzu sem ter sido indicado pelo treinador. “Ele tem qualidade, é um jogador experiente, usa muito bem o corpo. Quando a bola chega, ele procura espaço para girar ou então o companheiro. Me agradou muito”, elogia Nad. A reapresentação do grupo alviceleste acontece hoje à tarde, na Curuzu.

Águia vence mais uma e piora crise do São Raimundo

F

oram duas partidas em Belém, longe de sua torcida, uma derrota para o Remo e uma vitória sobre a Tuna, mas na tarde deste domingo (22) o Águia finalmente estreou no estádio Zinho Oliveira, e presenteou sua torcida com uma grande vitória por 3 a 1 sobre o São Raimundo. O resultado colocou a equipe na terceira posição da classificação. O São Raimundo vive de uma crise extra campo que se arrasta desde meados de 2011, e de lá pra cá a presidência do clube tem sido disputada nos tribunais, e a indefinição pode estar se refletindo dentro de campo. O Pantera de Santarém estreou com um empate contra o rival São Francisco, e na última rodada perdeu para o Remo em Belém, e demitiu o treinador Lúcio Santarém. Estreando o treinador Nildo Pereira, o São Raimundo precisava se recuperar na

classificação, e partiu pra cima do time de casa abrindo o placar logo aos 10 minutos. O zagueiro Helder aproveitou escanteio cobrado pelo lateral João Pedro e cabeceou para as redes. Um minutos depois o azulão de Marabá respondeu. Também de cabeça, o atacante Branco completou o cruzamento do lateral Julio Ferrari e empatou a partida. Aos 20 minutos do primeiro tempo Branco derrubado dentro da área e o camisa 10 Flamel não desperdiçou a cobrança de penalti, virando o jogo para o Águia. A vitória por 3 a 1 deixou o Águia em situação confortável com 6 pontos na competição, atrás apenas do líder Clube do Remo e do vice Cametá. O Águia volta a campo mais uma vez no Estádio Zinho Oliveira, na próxima quarta-feira (25) contra o Paysandu, que também venceu na terceira rodada.

Toque de Primeira

Ciclismo I Antonio Carlos (FAC) e Dimas Silva (TV Amapá) lideraram prova do ranking nacional.

Amapazão Estimam em R$ 4 milhões o valor que os clubes profissionais pedirão de apoio ao GEA.

Basquete Adulto Campeonato 2012 inicia em 30 Jan, com seis clubes no masculino e dois no feminino.

Ciclismo II Outra vez, o desembargador Ednardo Souza apoiou o ícone do pedal Francisco Sebinho.

Alberto Henrique Aniversariou este cidadão de bem e cotado servidor da CAIXA. Fera de vôlei e futebol.

Fórmula 1 Bruno Senna é irregular, mas veloz. Dispõe de carro para preparação da prétemporada.

Positivo Ontem aniversariou Carlos Gomes, o respeitado Carlitão. Homem forte do Placa Clube, Banda Placa, carnaval, música, cultura e esporte. Parabéns!

de o Independente entregar os pontos. E assim, procurar terreno para construir novo ninho do carcará.

Parazão Leão venceu todos os três jogos, enquanto o Papão ganhou a primeira e tenta respirar.

Mengão Prestígio na Bolívia leva xerife Evo Morales visitar rubro-negro. Amanhã o bicho pega!

Quinta Feliz SEDEL reúne em 01 Fev com representantes de instituições deste importante projeto.

Ciclismo Corrida Antonio Assmar atraiu investidores, atletas de seis estados e premiou a torcida.

Coruja da Torre Aldemir França rejeita ser técnico negro-anil no Amapazão/12. Nem que a vaca tussa!!!

Trembala Presidente Socorro Marinho exige que a locomotiva atropele o ABC na Copa do Brasil.

Natação Profº Silvio Guilhermino viaja ao Rio de Janeiro para participar de Congresso Técnico.

Joaelton, guardem esse nome... O Paysandu foi a campo formado por duas equipes diferentes em cada tempo da partida de ontem, mas foram os jogadores que atuaram na segunda etapa que agradaram o técnico Nad. Sem considerar tanto o placar e a chuva que deixou o gramado pesado na primeira etapa, o treinador gostou mais da postura dos escalados nos 45 minutos finais. “O segundo time acabou com aquele espaço dado pela equipe do primeiro. Eles procuraram tocar mais a bola. A gente mudou para três atacantes, então quando a gente perdia a bola, al-

Antonio Luiz alpcampos@hotmail.com

Negativo Dificuldade em reaver a antiga sede leva diretoria

Zé Augusto marcou o gol da vitória

São Francisco e Cametá ficam no empate em Santarém

O

São Francisco conseguiu frear a sequência de vitórias do líder Cametá, e as equipes empataram em 1 a 1 na noite deste Sábado (21) no Colosso do Tapajóes, em Santarém. Os gols foram marcados ainda no primeiro tempo. Aos 23 minutos, o lateral esquero Maurian abriu o placar para o Leão de Santarém, e aos 33 minutos o atacante Rafael Paty desviou de cabeça e empatou a partida para o Mapará. Depois de empatar na estreia contra o rival São Raimundo e vencer o Paysandu na segunda rodada, o São Francisco chega aos 5 pontos. O Cametá vinha de vitórias contra Paysandu e Independente, e chega a 7 pontos com o empate.

Natação I O mestre amapaense vai discutir propostas, calendário, regulamento e até Olimpíadas. Será? Chen Zhizhao ainda não chegou e corintianos garantem não ensinar palavrões ao chinês. Canil do Pitbull Diretoria do São José promete investir na disputa do Amapazão. O Laguinho agradece! Você Sabia Que a Unimed vendeu 700 mil planos de saúde em 2011. Soma 18 milhões de clientes e prioriza publicidade no esporte, sobretudo no futebol.


JD

Esporte

Macapá-AP, terça-feira, 24 de janeiro de 2012

C3

Editor: Fabrício Costa - fabriciocosta@jdia.com.br DIVULGAÇÃO

GSP: falta de ritmo?

Silva: preservado em excesso?

Anderson, Jones ou GSP: qual supercampeão corre mais riscos na próxima luta? Lutadores do UFC terão a temporada 2012 repleta de desafios dignos e terão de lidar com fatores distintos como pressões, contusões, falta de ritmo, ‘pedras no sapato’ e afins

O

objetivo aqui não incitar derrota para ninguém. De forma hipotética, o canadense Georges St. Pierre (campeão meio-médio), o brasileiro Anderson Silva (campeão peso médio) e o norte-americano Jon Jones (campeão meiopesado), três soberanos quase - unânimes no UFC terão a temporada 2012 repleta de desafios dignos e terão de lidar com fatores distintos como pressões, contusões, falta de ritmo, ‘pedras no sapato’ e afins. Assim, quem estaria

mais suscetível a perder o próximo compromisso e abandonar o reinado do UFC primeiro de acordo com o que vem pela frente? Apostas? Georges St. Pierre O canadense se recupera de complicada cirurgia no joelho (lesão no ligamento cruzado anterior) desde o ano passado, e o prazo total para voltar ao octógono será de mais de dez meses. O quesito falta de ritmo sempre deve ser levado em conta de forma teórica, mas em 2011 tivemos

dois casos de campeões na mesma situação e que não se deram bem quando retornaram para defender o título: Maurício Shogun (ficou mais de um ano parado e perdeu o cinturão para Jon Jones), e Cain Velásquez (também se ausentou por oito meses e acabou derrotado para Júnior Cigano). GSP é um atleta metódico, fanático por treinos e deve se recuperar com propriedade, mas terá pela frente o vencedor de Nick Diaz x Carlos Condit (que se enfrentam pelo

desafio promete esquentar de vez o panorama dos médios: sairá de Michael Bisping x Chael Sonnen, que se enfrentam no UFC on FOX 2 (28 de janeiro). Enquanto a luta contra Bisping teoricamente não representa tantos empecilhos para as habilidades do brasileiro, a revanche em potencial contra Sonnen seria algo fervilhante, pelos diversos fatores envolvidos. Além de ser o lutador que mais complicou a vida do campeão dentro do octógono no clássico embate do UFC 117 (Sonnen dominou a luta, mas perdeu por finalização no

cinturão interino no UFC 143, 4 de fevereiro). Com estilo sólido e cada vez mais amadurecido, Condit vem embalado. Mas o rústico, brigador e polêmico Diaz representaria o grande perigo para o atual padrão de luta calculado (sonolento?) ao extremo do canadense. Anderson Silva Aos 36 anos, invicto e com o cinturão em posse desde 2006, o Spider visivelmente tem algumas ressalvas e cuidados para os anos de carreira que restam. Mas o próximo

Jones: quem vence?

fim do quinto assalto), o norte-americano vai propor nova guerra psicológica, com declarações de gosto duvidoso e novas/ velhas ofensas sem limites para desestabilizar o oponente. Além disso, o combate ainda tem chances concretas de acontecer em um estádio de futebol no Brasil (provavelmente o Pacaembu), fato que pode jogar a favor (ou contra) o Spider, patrocinado atualmente pelo Corinthians. Arrisca um palpite? Jon Jones O próximo desafio de Jones pode vir de Rashad Evans x Phil Davis, que fazem o combate principal do UFC On FOX 2 (28 de janeiro). Da mesma forma que o campeão, Davis é representante da nova geração de atletas, e como o próprio gosta de dizer, ainda está em evolução gradativa e precisa ser testado com mais frequência para se fortificar. Evans é quem supostamente tem o ‘algo a mais’ tão procurado para desbancar o campeão. Ambos foram parceiros de treino durante anos, e o hoje desafeto declarado pode conhecer algum bom atalho para neutralizar o estilo sólido e versátil de Jones. DIVULGAÇÃO

Hewitt cumprimenta o número um do mundo após a derrota no Aberto da Austrália

C

ampeão em 2008 e 2011, o sérvio Novak Djokovic superou a torcida local e um ex-número 1 do mundo para se manter na luta pelo seu terceiro título no Aberto da Austrália. Ontem, o líder do ranking da ATP derrotou o australiano Lleyton Hewitt por 3 sets a 1, com parciais de 6/1, 6/3, 4/6 e 6/3, em partida válida pelas oitavas de final. Djokovic começou arrasador a partida e abriu 4/0, com duas quebras de serviço. Hewitt ainda devolveu uma delas, mas não conseguiu confirmar o seu saque em seguida e perdeu por 6/1. Apoiado pela torcida, Hewitt equilibrou o

duelo na segunda parcial, que seguiu sem quebras de serviço até o sétimo game. O sérvio, porém, se impôs e venceu novamente, dessa vez por 6/3. O início do terceiro set indicava uma vitória tranquila de Djokovic, que chegou a abrir 3/0. Hewitt, porém, conseguiu uma reação espetacular e se manteve vivo na partida ao vencer a parcial por 6/4. O quarto set foi equilibrado até o sexto game, quando Djokovic conseguiu uma quebra de serviço e abriu 4/2. Depois, precisou confirmar o seu saque apenas duas vezes para derrotar Hewitt e avançar no Aberto da Austrália.

Hewitt cumprimenta o número um do mundo após a derrota no Aberto da Austrália

DIVULGAÇÃO

Raikkonen faz seu primeiro teste na volta à Fórmula 1

A

pós dois anos afastado da Fórmula 1, o finlandês Kimi Raikkonen voltou a pilotar um carro da categoria ontem, durante um teste particular da equipe Lotus (antiga Renault), no circuito de Valência, na Espanha. Como os treinos oficiais da pré-temporada iniciam apenas no dia 7 de fevereiro, ele teve que ir para a pista com um modelo antigo, de 2010, para poder começar a se ambientar novamente com a F1. Campeão da Fórmula 1 em 2007, Raikkonen tinha deixado a categoria em

2009, quando saiu da Ferrari. Nesse período, ele disputou o Mundial de Rali. Mas, diante do convite da Lotus, resolveu voltar para a F1 na temporada 2012. Por isso, o finlandês de 32 anos trabalha agora para se readaptar ao carro. Mesmo sendo obrigado a utilizar um carro de dois anos atrás, já que os testes oficiais da Fórmula 1 ainda não começaram, Raikkonen fez nesta segunda-feira o primeiro dos três dias de treinos particulares em Valência, quando pretende se acostumar novamente ao cockpit de um F1 e co-

nhecer melhor os pneus Pirelli, que não eram utilizados na época em que ele ainda estava na categoria. Assim, nos três dias de treinos particulares em Valência, ainda não será possível avaliar se Raikkonen continua veloz como costumava ser no passado. Mas, a partir de 7 de fevereiro, em Jerez de la Frontera, também na Espanha, ele vai para a pista novamente, dessa vez com o carro novo da Lotus, para realizar os primeiros testes oficiais da pré-temporada da Fórmula 1 e mostrar sua atual forma.

Raikkonen fez seu primeiro teste na Lotus em 2012


JD

Esporte

Macapá-AP, terça-feira, 24 de janeiro de 2012

C4

Editor: Pablo Oliveira - pc.oliveira@jdia.com.br

Após gol, Elton revela telefonema de Adriano

Vasco admite dificuldades, mas exalta bom início

DIVULGAÇÃO

A concorrência com Adriano e as constantes perguntas sobre o camisa 10 não incomodam Elton

A

pós marcar um gol decisivo no último sábado, o primeiro da vitória de virada sobre o Mirassol por 2 a 1, o atacante Elton revelou que recebeu uma ligação de felicitações de um dos seus rivais pela vaga no time alvinegro, o experiente Adriano. “Depois do jogo, ele [Adriano] me ligou dando os parabéns pelo gol. Isso me deixa muito feliz, um cara como o Adriano me ligando para dar os parabéns”, disse Elton em entrevista coletiva no CT Joaquim Grava nesta segunda-feira. Além de Elton e Adriano, o Corinthians tem outros três centroavantes no elenco: Liedson e Bill. Tite deve inscrever apenas dois deles entre os quatro para a Libertadores. A concorrência com Adriano e as constantes perguntas sobre o camisa 10, porém, não incomodam Elton. “Não incomoda [ser

DIVULGAÇÃO

Alecsandro, Diego Souza e Fellipe Bastos comemoram gol do Vasco

M

Elton comemora primeiro gol do Corinthians contra o Mirassol

sombra de Adriano]. Procuro fazer meu trabalho e o pensamento é de me firmar na equipe. Mas sei que a concorrência é muito gran-

de.” Com Adriano afastado da equipe para aprimorar a forma física e a possibilidade de Liedson ser poupado na próxima quarta-feira, na

partida contra o Guaratinguetá, Elton poderá fazer seu primeiro jogo oficial como titular do time alvinegro.

Para Renato Abreu, Fla está melhor preparado do que em 2007 para enfrentar altitude de Potosí

O

elenco do Flamengo, que está na Bolívia se preparando para a estreia na Copa Libertadores da América, contra o Real Potosí, na próxima quarta-feira, chegou à cidade andina na noite de domingo. Após deixar a capital Sucre em 13 carros, a equipe cruzou a Cordilheira dos Andes num percurso que durou pouco menos de três horas. Segundo o meia Renato Abreu, a preparação feita na Bolívia deixou o time melhor preparado para enfrentar o adversário, com quem empatou em 2 a 2, em 2007, pela competição continental. “Naquela época foi diferente. Viemos em cima da hora. Fizemos o mesmo percurso, passamos pelas mesmas montanhas, mas estamos melhor preparados. Em 2007 lembro que eu, o Renato Augusto, o Renato Silva e o Obina tivemos falta de ar. Desta vez foi tranquilo”, disse o jogador. Na chegada a Potosí, os jogadores foram recepcionados por centenas de populares, que mostravam a camisa do adversário de quarta-feira dos rubro-negros. Na chegada ao estádio, onde o Flamengo já treinou, muitos bolivianos gritavam por Ronaldinho com câmeras em punho tentando tirar uma foto do

DIVULGAÇÃO

craque Dez atletas do Fla chegam a Sucre, e delegação está completa O Flamengo que estreará na Libertadores, na próxima quarta-feira, diante do Real Potosí, está completo. Dez jogadores que participaram da vitória sobre o Bonsucesso, por 4 a 0, na primeira partida do time rubro-negro no Estadual do Rio, chegaram a Sucre, na Bolívia, na manhã desta segunda-feira. Com as presenças de Bottinelli, Camacho, Jael, João Felipe, Lucas, Magal, Maldonado, Marllon, Paulo Victor e Thomás, o técnico Vanderlei Luxemburgo tem 26 atletas à disposição na Bolívia. Na relação definitiva que será enviada à Conmebol, nesta segunda-feira, um dos atletas não poderá estar presente. O regulamento da competição limita em 25 o número de jogadores inscritos por cada clube. Com o período de adaptação à altitude reduzido em relação ao restante do grupo, os recém-chegados participam do treino marcado para as 16h30 (horário local) desta segunda-feira (18h30 de Brasília). O Flamengo vai a campo, para enfrentar o Real Potosí, às 21h50 de quarta-feira em Potosí.

Campeonato paulista 2012

esmo sem brilhar, o Vasco estreou com vitória no Campeonato Carioca, ao ganhar do Americano por 2 a 0, no domingo, em Macaé (RJ). Depois do jogo, os jogadores do time vascaíno admitiram a dificuldade neste começo de temporada, principalmente na falta de ritmo, mas exaltaram o início vitorioso. “A equipe sabia que iria ter dificuldades. Eles (do Americano) vinham treinando há mais tempo e nós ainda não estamos com o grupo completo. Treinamos com alguns jogadores e jogamos com outros. Mas, para início de temporada, foi muito bom”,

avaliou o meia Diego Souza, um dos titulares vascaínos. “Mostramos que a união do ano passado se manteve. Um ajudou o outro e agora é manter essa pegada. Ainda estamos sem ritmo. Mas foi muito bom. Parabéns para todo mundo e vamos para o próximo jogo”, afirmou o zagueiro Dedé, que foi o principal jogador do Vasco na última temporada. Assim, já projetando mostrar um nível melhor, o Vasco se prepara agora para enfrentar o Duque de Caxias, no próximo domingo, novamente em Macaé, pela segunda rodada do Campeonato Carioca.

Médico do São Paulo já cogita cirurgia em Rogério

C

om dores no ombro direito, o goleiro Rogério pediu para não ser operado. O médico José Sanchez, contudo, acha que é necessária uma cirurgia, que pode deixar o arqueiro e capitão do times seis meses fora. “Sabemos que precisa de cirurgia, mas ele nos pediu um tempo. Ele terá uma semana para provar que está melhorando”, disse Sanchez. Rogério passou a sentir dores no ombro direito no início da última semana.

Por causa do problema ficou fora do primeiro jogo oficial do São Paulo na temporada --goleada sobre o Botafogo por 4 a 0. Denis foi o substituto de Rogério e, ao final do jogo, disse que está preparado para assumir o posto de titular caso o camisa 1 tenha de ficar afastado. No último sábado, Sanchez disse que a lesão de Rogério é comum em goleiros e outros atletas que usam com frequência os braços, como tenistas e jogadores de vôlei.

Kléber reclama de ‘perna pesada’ em estreia

P

Em Potosí, na Bolívia, Renato Abreu afirmou que time do Fla está melhor preparado que em 2007 para o jogo pela Libertadores

rincipal contratação do Grêmio para 2012, Kléber chegou ao clube ainda durante o Brasileirão do ano passado, para poder se preparar com antecedência. Esperava-se bastante do atacante já na estreia, no u´ltimo sábado (21), contra a Lajedense. Mas o ex-palmeirense decepcionou, perdeu gols e ainda criou o contra-ataque que o adversário aproveitou para fazer 2 a 0 e matar o jogo no Olímpico. Após a partida, o jogador alegou “perna pesada” para justificar o erro. Na jogada, ele recebeu a marcação de Micael no meio-campo, trombou com o marcador, ficou reclamando de falta e tocou a bola de forma dis-

Campeonato carioca 2012 Grupo A

Grupo B

plicente para trás enquanto gesticulava com o árbitro. Acabou dando a bola para Jandson, que cruzou para Tata marcar. “Foi um lance de perna pesada, de quem está começando a temporada, que não tem noção da força do passe. Às vezes você não tem noção da força do passe”, justificou o atacante. Para Caio Júnior, que estreou no comando do Grêmio ouvindo vaias da torcida pela atuação ruim, a vitória da Lajedense foi definida “psicologicamente”, com um gol no fim do primeiro tempo outro no início do segundo. “Nós dominamos, foi claro. Tivemos várias oportunidades, mas não fomos competentes.”

Jornal do Dia 24 01 2012  

Jornal do Dia 24 01 2012

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you