Issuu on Google+

CIANO

MAGENTA

AMARELO

PRETO

DIÁRIOPOPULAR JORNAL DE VERDADE

Região Metropolitana do Vale do Aço - Ano V - Número 1.286 - Quarta-feira, 30/11/2011 - R$ 0,70

ECONOMIA

SEGURANÇA

Siderúrgicas reduzem previsão de crescimento

Projeto foi lançado ontem, na presença de representantes das polícias Militar e Civil

Timóteo lança “Olho Vivo” A Prefeitura de Timóteo anunciou a implantação do sistema de monitoramento eletrônico “Olho Vivo”, que reforça a estratégia de segurança pública desenvolvida no município em parceria com as polícias Civil e Militar. Na primeira etapa do projeto, foram investidos R$ 648

mil em recursos próprios para adquirir e instalar 27 câmeras de vigilância e uma moderna central de monitoramento no bairro Primavera. Foram treinados 15 servidores, que se dedicarão exclusivamente ao Olho Vivo, se revezando em regime de plantão 24 horas por dia. Página 4

CAMPANHA SALARIAL

Sindipa e Usiminas se reúnem nessa sexta-feira A Usiminas agendou reunião para a próxima sexta-feira (2) para discutir com o Sindicato dos Metalúrgicos de Ipatinga (Sindipa) a pauta de reivindicações elaborada pelos trabalhadores, referente à campanha salarial deste ano. O Sindipa espera que a empresa apre-

sente a contraproposta na próxima reunião para que os trabalhadores possam analisar e votar. Os trabalhadores pedem 5% de produtividade, abono salarial, consignado, aumento real de 5%, garantia de emprego, INPC e piso salarial de Página 5 R$ 1.850,00.

DEFICIENTES

Vereadores garantem passe livre irrestrito Todos os vereadores foram favoráveis à gratuidade do transporte público para deficientes físicos, idosos e portadores de doenças crônicas – independentemente da obrigatoriedade de comprovar renda mensal familiar. A Câmara derrubou o veto do

prefeito Robson Gomes (PPS) à lei do passe livre. Pessoas com deficiência e representantes da Associação de Aposentados lotaram o plenário e comemoraram muito quando Nardyello Rocha (PSD) anunciou que o veto havia sido derPágina 3 rubado.

Nova estimativa significa queda de mais de R$ 1 milhão de toneladas na produção; importação de aço continua preocupando empresas brasileiras As importações de aço continuam preocupando as siderúrgicas instaladas Brasil e motivaram mais uma revisão das estimativas para este ano. De acordo com o Instituto Aço Brasil (IAB), a produção nacional de aço bruto deve ficar em torno de 35,2 milhões de toneladas, 7,1% a mais que no ano passado. Apesar de representar mais um recorde para o setor, o número significa uma redução de mais de 1 milhão de toneladas sobre a estimativa de crescimento feita anteriormente para este ano. Os ajustes também alteraram a projeção de vendas internas. Apesar do cenário, as projeções para 2012 são otimistas. Página 6

OUTUBRO

Desmatamento na Amazônia é 52% maior A Amazônia perdeu 385,5 quilômetros quadrados (km²) de florestas em outubro, de acordo com dados divulgados ontem (29) pelo Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe). Os números são do sistema de Detecção do Desmatamento em Tempo Real (Deter). A área é 52% maior que a registrada em setembro, quando os satélites identificaram 253,8 km² de novos desmatamentos.Página 9

Instituto Aço Brasil

Apesar dos números negativos de 2011, previsão para 2012 é otimista: dados mostram que vai crescer a demanda por aço

Projeto de suplementação para pagar Rondave não é votado Diante de risco iminente de não ser aprovado, o vereador Nilton Manoel (PSD), em reunião ordinária da Câmara Municipal realizaada ontem (29), pediu ‘vista’ do projeto de lei que autorizava a abertura de crédi-

to suplementar de R$ 1,165 milhão. A Prefeitura solicitou os recursos para, majoritariamente, pagar a HLC Transportes (antiga Rondave), que mantém contrato com a Prefeitura há mais de 60 meses.

O parlamentar pediu que o projeto fosse sobrestado. Já os demais vereadores sinalizaram que votariam contra o projeto, já que o contrato com a empresa dura mais de 60 meses e está, Página 3 portanto, ilegal.

LIXO

PMI promove ações de limpeza nos bairros A Prefeitura iniciou na manhã desta terça-feira (29) a segunda etapa da operação “Jogue limpo com Ipatinga”. Somente no bairro Veneza II, o primeiro a ser contemplado com os tra-

balhos, realizados pelas Secretarias de Obras Públicas e de Serviços Urbanos e Meio Ambiente, foram recolhidas mais de 300 toneladas de lixo e entulhos. Desde os cortes anunciados

pelo Governo no contrato com a Vital Engenharia, empresa responsável pela limpeza urbana no município, são inúmeros os pontos em que a sujeira se acuPágina 7 mula na cidade.

w w w.diariopopularmg.com.br

Página 9


CIDADES

Diário Popular

Quarta-feira, 30 de novembro de 2011

C Â M A R A D E I PAT I N G A

ACS/CMI

O vereador Sebastião Guedes (PT) utilizou a tribuna para se pronunciar contra a aprovação da matéria

3 ACS/CMI

Nilton Manoel defendeu a suplementação: para ele, os trabalhadores não têm culpa da ilegalidade do contrato

PEDIDO DE SUPLEMENTAÇÃO DE R$ 1,1 MI É RETIRADO DE PAUTA

Executivo pretendia usar recursos para pagar dívidas com antiga Rondave, que presta serviços à PMI; vereador Nilton Manoel pediu sobrestamento da matéria IPATINGA – Diante de risco iminente de não ser aprovado, o vereador Nilton Manoel (PSD), em reunião ordinária da Câmara Municipal realizada ontem (29), pediu ‘vista’ do projeto de lei que autorizava a abertura de crédito suplementar de R$ 1,165 milhão. A Prefeitura solicitou os recursos para, majoritariamente, pagar a HLC Transportes (antiga Rondave), que mantém contrato com a Prefeitura há mais de 60 meses. O parlamentar pediu que o projeto fosse sobrestado - retirado de pauta por 15 dias antes de ser levado novamente a votação. “Fiz o pedido porque precisamos conversar mais e discutir o assunto. Os trabalhadores dessas empresas precisam receber os salários. Se

Já o vereador Agnaldo Bicalho favor de uma ilegalidade. O vereo serviço não foi prestado direito, não é responsabilidade minha. O (PT) afirmou que o pedido de ver- ador tem total direito de pedir um importante é que todos recebam ba para o hospital faz parte de ou- prazo maior para que o projeto seus salários em dia. Eu sei que os tro projeto. “O que Nilton Ma- seja discutido e esse prazo de debavereadores iam votar contra o pro- noel disse é uma inverdade, pois te foi concedido”, completou Agjeto. E, se caísse, só seria colocado o projeto que prevê suplementa- naldo Bicalho. O vereador Sebastião Gueem pauta novamente no prazo de ção para o pagamento do contrades (PT) utilizou a tribuna um mês”, explicou Nilton Manoel. Os vereadores se recusam a autorizar o para se pronunciar contra a Ainda de acordo com o pagamento da empresa de transporte aprovação da matéria. “Esse contrato com a empresa de vereador, o Hospital Márporque o contrato já ultrapassou os 60 transportes foi firmado em cio Cunha também seria meses, estando, portanto, ilegal 2005. Já se passaram mais beneficiado com o Crédide 60 meses e a administrato Adicional Suplementar. “Essa verba seria também to do HMC não é o mesmo que ção pública renovou o contrato para pagar dívidas com o plano ele pediu vista. Nesse momento, a por mais de três vezes. Estranhade saúde e de exames do Hospi- minha posição seria votar contra mente, esse governo manteve o tal Márcio Cunha. Se o contra- sim, porque o contrato que a Pre- mesmo contrato anterior de forto não for pago, o hospital pode feitura mantém com a HLC (anti- ma irregular e a Câmara não romper a prestação de serviços”, ga Rondave) está irregular. Se con- pode compactuar com isso. Por argumentou. cordássemos, estaríamos sendo a isso, não vamos autorizar o re-

passe de recursos para contratos ilegais. Deve ser feita uma nova licitação e outra empresa contratada”, concluiu Guedes. VISTA Durante a reunião ordinária, a vereadora Maria do Amparo (PDT) solicitou ao presidente da Casa que sete projetos de lei fossem vistados por 72 horas. Nardyello Rocha (PSD) concedeu vista por 24 horas de todos os projetos solicitados. Maria do Amparo não quis justificar os motivos que a levaram a pedir vista dos projetos. Todos os projetos são de autoria do Executivo, três deles referentes à abertura de Crédito Adicional Suplementar.

Câmara derruba veto do prefeito ao passe livre IPATINGA – Todos os vereadores foram favoráveis à gratuidade do transporte público para deficientes físicos, idosos e portadores de doenças crônicas – independentemente da obrigatoriedade de comprovar renda mensal familiar. A Câmara derrubou o veto do prefeito Robson Gomes (PPS) à lei do passe livre. Pessoas com deficiência e representantes da Associação de Aposentados lotaram o plenário e comemoraram muito quando Nardyello Rocha (PSD) anunciou que o veto havia sido derrubado. “Estamos cumprindo mais uma etapa do compromisso com os aposentados e deficientes. Sofremos muita pressão para que o veto não fosse apreciado hoje (ontem), mas o nosso compromisso com essas pessoas que utilizam o transporte público é maior”,

declarou Nardyello. Representantes da empresa de transporte urbano Autotrans estiveram presentes à reunião, mas saíram sem se pronunciar. O parlamentar também garantiu que, caso a Prefeitura não sancione a lei, ele irá promulgá-la. “Esta é uma prerrogativa que nós temos e, com certeza, a lei será promulgada se o Executivo não sancionar nas próximas 48 horas”, garantiu o presidente da CMI. O vice-presidente da Associação de Deficientes de Ipatinga (Adefi), Eustáquio de Oliveira, disse que acompanha o processo desde o início. “O prefeito disse não, mas os vereadores disseram sim às pessoas com deficiência. Agora espero que tudo se resolva o quanto antes e que a PMI agilize todo o processo”, disse Eustáquio.

REAJUSTE Nardyello Rocha informou que o Legislativo está ciente que a empresa Autotrans enviou uma planilha de reajuste à PMI e disse que com a aprovação do veto, a concessionária não poderá modificar os valores já especificados na planilha. “Portanto, quando reajustarem as tarifas, não terão a justificativa de que foi devido ao Passe Livre, pois a planilha foi apresentada antes mesmo da derrubada do veto ou sanção da lei. E o reajuste das tarifas não passa pela Câmara, é uma decisão entre a prefeitura e a empresa de transporte”, afirmou.

Aposentados e pessoas com deficiência acompanharam a votação de ontem e comemoraram o anúncio da derrubada do veto

CONSTRANGIMENTO Segundo Eustáquio de Oliveira, muitos deficientes estão passando por situações constrangedoras quando tentam entrar nos ônibus

sem pagar passagem. Ele acredita que, com a promulgação da lei, a PMI deve fornecer um cartão de gratuidade a cada usuário para evitar essa situação. “Tem algumas pessoas

que são deficientes, mas que não dá para perceber. Quando tenta usar o direito da gratuidade, são barradas. Com o cartão gratuidade isso não vai acontecer”.


4

CIDADES

Diário Popular

Quarta-feira, 30 de novembro de 2011

SEGURANÇA PÚBLICA

Timóteo implanta Olho Vivo Na primeira etapa do projeto, foram investidos R$ 648 mil para adquirir e instalar 27 câmeras de vigilância e uma central de monitoramento TIMÓTEO – O município anunciou a implantação do sistema de monitoramento eletrônico “Olho Vivo”, que reforça a estratégia de segurança pública desenvolvida no município em parceria com as polícias Civil e Militar. A meta da Administração é tornar Timóteo a cidade mais segura do Leste de Minas. Na primeira etapa do projeto, foram investidos R$ 648 mil em recursos próprios para adquirir e instalar 27 câmeras de vigilância e uma moderna central de monitoramento no bairro Primavera. Foram treinados 15 servidores, que se dedicarão exclusivamente ao Olho Vivo, se revezando em regime de plantão 24 horas por dia. “Celebramos convênios com ambas as polícias, além de investirmos na compra de equipamentos, novas viaturas, cedermos servidores e imóveis do município, e agora implantarmos este moderno sistema. Estamos otimistas com a vinda de investimentos também por parte do governo estadual para que Timóteo consolide sua posição de referência em segurança pública em Minas”, disse o prefeito Sérgio Mendes (PSB). A Prefeitura também já deu início ao processo para transferência da área destinada à construção de um prédio para abrigar o Ministério Público

PREFEITURA MUNICIPAL DE CORONEL FABRICIANO DECRETO Nº. 3.816, DE 29 DE NOVEMBRO DE 2011. Convoca Conferência Municipal de Habitação e do Plano Diretor de Coronel Fabriciano/MG e dá outras providências. O Prefeito Municipal de Coronel Fabriciano, Estado de Minas Gerais, no uso de suas atribuições,

O município apresentou ontem o sistema de monitoramento eletrônico “Olho Vivo”

do, ele parafraseou o cineasta Charles Chaplin: “Perder com classe e vencer com ousadia, pois o triunfo pertence a quem mais se atreve e a vida é muito para ser insignificante. Eu faço e abuso da felicidade e não desisto dos meus sonhos. O mundo está nas mãos daqueles que

últimos meses houve redução de 63% nos índices de criminalidade reREALIZAÇÕES “Percebam que pelas gistrados em Timóteo. A imagens que apresentaampliação de convênios mos do sistema de moentre as duas polícias e o município, além da nitoramento, podemos ver também a situação aquisição de três viaturas para patrulhamento caótica do asfalto em nossa cidade, que tem ostensivo, foram iniciativas da atual adminismais de 30 anos. Mesmo alguns terem ficatração municipal. No orçamento do contra nossa iniciativa, vamos Estatísticas da Polícia Militar mostram de 2012 já estão reservados recurgarantir em 2012 que nos últimos meses houve redução sos para a ampliaR$10 milhões para investir em asfal- de 63% nos índices de criminalidade ção do programa em Timóteo, após to em Timóteo”, registrados em Timóteo disse o vice-prefeiconcluída a anáto Marcelo Afonso. Já o têm coragem de sonhar lise dos resultados nescoordenador do projeto e correr o risco de viver ta primeira etapa. O Olho Vivo e secretário seus sonhos”. prefeito Sérgio Mendes também espera contramunicipal de Ouvidoria e Vigilância Patripartida do Governo de Minas com a instalação monial, Djalma ErnanREFERÊNCIA de, que se aposentou “Posso dizer que en- de um Batalhão de Pocomo delegado de polí- tre as 16 cidades pelas lícia Militar na cidade, cia, agradeceu ao prefei- quais respondemos, Ti- Corpo de Bombeiros, to pela oportunidade de móteo seguramente é a novas delegacias de Poimplementar em Timó- mais tranquila delas”, lícia Civil e também do teo uma iniciativa desta destacou o delegado re- Judiciário, com a aberenvergadura no setor de gional João Xingó. Es- tura de mais varas prosegurança pública. Em tatísticas da Polícia Mi- cessuais no Fórum da seu discurso emociona- litar mostram que nos comarca. na cidade.

DECRETA: Art.. 1º Fica convocada a Conferência Municipal de Habitação e Plano Diretor Participativo de Coronel Fabriciano, a se realizar sob a coordenação da Secretaria Municipal de Planejamento Urbano, no dia 13 de dezembro de 2011, das 13 às 18 horas, no salão nobre do Clube Casa de Campo, localizado na Rua Argemiro José Ribeiro, nº189, Bairro Santa Helena, neste Município. Art. 2º. A Conferência Municipal de Habitação e Plano Diretor Participativo desenvolverá os seus trabalhos a partir da discussão do Plano Local de Habitação de Interesse Social e da consolidação do resultado das Oficinas Participativas para Indicação de Diretrizes para Elaboração do Plano Diretor Participativo de Coronel Fabriciano. Art. 3º. Caberá à Secretaria Municipal de Planejamento Urbano, juntamente com o Conselho da Cidade de Coronel Fabriciano, elaborar o Regimento contendo os critérios para participação na Conferência e decidir sobre os casos omissos ou conflitantes. Art. 5º. A Conferência Municipal de Habitação e Plano Diretor Participativo de Coronel Fabriciano será presidida pela Secretária Municipal de Planejamento Urbano ou, na sua ausência ou impedimento eventual, por seu representante a ser por ela indicado. Art. 6º. As despesas decorrentes da realização da Conferência Municipal de Habitação e Plano Diretor Participativo de Coronel Fabriciano correrão por conta de dotações próprias, consignadas no Orçamento Municipal para o corrente exercício. Art. 7º. Este decreto entrará em vigor na data de sua publicação. Art. 8º. Revogam-se as disposições em contrário. Coronel Fabriciano, 29 de novembro de 2011. FRANCISCO DE ASSIS SIMÕES THOMAZ PREFEITO MUNICIPAL PRAÇA DR. LOUIS ENSCH, 64 – TELEFAX: (0XX31) 38467000 – CNPJ 19.875.046/0001-82 – CORONEL FABRICIANO - MG


CIDADES

Diário Popular

Quarta-feira, 30 de novembro de 2011

SERVIÇOS URBANOS

PMI inicia operação limpeza Apenas no primeiro bairro, o Veneza II, foram recolhidas mais de 300 toneladas de lixo e entulhos

José Barbosa ACS/PMI

IPATINGA - A Prefeitura ini- os trabalhos prossigam esta semaciou na manhã desta terça-feira na nos bairros Veneza II e Planalto. (29) a segunda etaNa operação, foram pa da operação “Jo- A crise da limpeza urbana empenhados servigue limpo com Ipa- começou com os atrasos dores, trabalhadores de empreiteiras tinga”. Somente no nos pagamentos da e empregados com bairro Veneza II, o primeiro a ser con- Vital – a PMI deixou de 15 caminhões bastemplado com os pagar a empresa por sete culantes e três mátrabalhos, realizados meses. A concessionária quinas. Por volta das sete pelas Secretarias de anunciou então a da manhã, máquiObras Públicas e de Serviços Urbanos e demissão de 300 pessoas nas e homens do Meio Ambiente, fo- e a Prefeitura chegou a governo do prefeiram recolhidas mais suspender até mesmo o to Robson Gomes da Silva (PPS) fizede 300 toneladas de serviço de varrição lixo e entulhos. Cerram uma reunião na avenida Macaca de 70% dos materiais lançados à margem das vias pá, próximo ao edifício conhecido públicas são provenientes de obras como “Balança mais não cai”, anparticulares, e, portanto, a retirada tes de iniciar os trabalhos. Robson não é de responsabilidade do po- Gomes agradeceu a colaboração de cada servidor e pessoalmente inspeder público. A limpeza no bairro Veneza cionou os trabalhos. Na oportuniII será concluída nesta quarta-fei- dade, ele conversou com os morara (30). Os demais bairros de Ipa- dores e comerciantes do bairro. tinga também serão contemplados LIXO ACUMULADO pelo mutirão de limpeza urbana. Desde os cortes anunciados A escala desta semana prevê que

pelo Governo no contrato com a Vital Engenharia, empresa responsável pela limpeza urbana no município, são inúmeros os pontos em que a sujeira se acumula na cidade. A crise da limpeza urbana começou com os atrasos nos pagamentos da Vital – a PMI deixou de pagar a empresa por sete meses. A concessio-

nária anunciou então a demissão de 300 pessoas e a Prefeitura chegou a suspender até mesmo o serviço de varrição, com um corte de 25% no valor do repasse. Depois de negociações, com participação dos vereadores, a PMI concordou em retomar o serviço, com o respectivo pagamento à Vital.

IPATINGA - A capacidade de inovação é um aspecto fundamental para o incremento da produtividade e criação de um diferencial competitivo sustentável no ambiente empresarial. Pensando nisso a Fiemg Regional Vale do Aço, através do Instituto Euvaldo Lodi - IEL, a Confederação Nacional da Indústria - CNI e o Sebrae realizou na manhã dessa terçafeira, 29, o Workshop de Mobilização para a Inovação. Destinado a micro e pequenas empresas, o Projeto que tem duração de 26 meses é dividido em cinco etapas: Workshop, Curso de Capacitação, Elaboração de Planos de

de repensar seu negócio e fazer os ajustes e melhorias necessários”, opinou. De acordo com o palestrante da Marpel Innovation & Techonology, Ralph Linhares Lage, a inovação não deve ser privilégio das médias e grandes empresas. “É mito dizer que inovação custa caro, é complexo de fazer e que só as grandes organizações têm condições de realizar. A inovação é para todos, basta ter atitude, persistência e criar uma cultura favorável ao seu desenvolvimento”. Segundo Ralph Lage, metade das empresas nascentes morre nos primeiros dois anos por não ter um

bom produto ou por não fazer uma boa gestão. “Inovação é uma necessidade. Empresa que não inova, dificilmente sobrevive”, declarou. O consultor interno do IEL, Fabrício Silveira, aponta que o nível de produtividade das micro e pequenas empresas é baixo, o equivalente a 20% da produtividade das médias e grandes empresas. “Uma pequena empresa pode ser altamente rentável se investir em inovação e em gestão. Inovar, seja na produção, processos ou modelo de mercado, é fazer diferente para fazer melhor. É promover mudanças para a obtenção de vantagens”, finalizou.

Robson Gomes inspeciona “mutirão” de limpeza urbana: ação se estenderá por vários bairros da cidade

Fiemg realiza workshop para pequenas empresas Inovação, Suporte à Implantação dos Planos de Inovação e Assessoria à Elaboração de Projetos de Inovação. Para Luciano Araújo, presidente da Fiemg Regional Vale do Aço, o Workshop é o ponto de partida para sensibilizar aquelas empresas que ainda não se atentaram para a importância da inovação como diferencial competitivo. “É preciso repensar nosso negócio e buscar novas ideias para fazer melhor e diferente”. E completa. “Mais importante que dinheiro é informação e relacionamento. Hoje vocês estão tendo a oportunidade

7

ACICEL/CDL

Palestra orienta sobre emissão de NF eletrônica FABRICIANO - A Acicel-CDL, em parceria com o Sebrae MG, promoverá no dia 6 de dezembro palestra gratuita sobre Nota Fiscal Eletrônica, na sede das entidades. Empresários, gestores e outros profissionais que trabalham diretamente com a NF-e terão a oportunidade de tirarem suas dúvidas, evitando multas e transtornos para suas empresas. O Projeto da NF-e teve como objetivo a implantação de um modelo nacional de documento fiscal eletrônico para substituir a sistemática de emissão do documento fiscal em papel, simplificando as obrigações acessórias dos contribuintes e permitindo, ao mesmo tempo, o acompanhamento em tempo real das operações comerciais pelo Fisco. A nota, que se tornou obrigatória neste ano, ainda gera algumas dúvidas, como suas obrigatoriedades acessórias, modelos operacionais e certificados digitais, que serão esclarecidos na palestra por Éliton Luiz. Éliton é contabilista, administrador, diretor de relacionamento e coordenador do Projeto SPED/NF-e na empresa Meta Tecnologia em Sistemas. A palestra será realizada de 14h às 15:30h. As inscrições serão feitas pelo telefone 3841-9900 com Hayane ou pelo email atendimento@acicelcdl.com.br. Vagas limitadas.

PREVIDÊNCIA

Profissionais participam de capacitação FABRICIANO – Nesta terçafeira (29), a Prefeitura de Coronel Fabriciano realizou mais um curso de capacitação aos profissionais que trabalham no Sistema Único de Assistência Social (Suas) do município. Com o tema “Benefícios Previdenciários”, o evento contou com a participação de representantes do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) de Fabriciano. Organizado pela Secretaria Municipal de Assistência Social, o curso aconteceu no auditório Irmãos Mattar (em cima da Farmácia Indiana), no Centro, das 13h30 às 18h.


BRASIL

Diário Popular

Quarta-feira, 30 de novembro de 2011

9

MEIO AMBIENTE

Cresce desmatamento na Amazônia Área devastada é 52% maior que a registrada em setembro BRASÍLIA - A Amazônia perdeu 385,5 quilômetros quadrados (km²) de florestas em outubro, de acordo com dados divulgados ontem (29) pelo Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe). Os números são do sistema de Detecção do Desmatamento em Tempo Real (Deter). A área é 52% maior que a registrada em setembro, quando os satélites identificaram 253,8 km² de novos desmatamentos. Na comparação com outubro de 2010, quando o Inpe apontou 388 km² de derrubadas, não há diferenças significativas. Rondônia foi o estado que mais desmatou em outubro, com 128,5 km² de floresta a menos, seguido pelo Pará, com 119 km² de derrubadas. Mato Grosso aparece em seguida, com 98 km² de novas áreas derrubadas, e o Amazonas, com 18 km². Em Roraima, o Inpe identificou 8 km² de derrubadas em outubro, no Maranhão,

6,53 km², no Acre, 4,32 km². Tocantins e Amapá registraram 0,8 km² e 0,65 km² de novos desmatamentos, respectivamente. De acordo com o Inpe, 17% da região estava encoberta por nuvens em outubro, que impediram a visualização de algumas áreas. O Deter, que revela dados mensais, monitora áreas maiores de 25 hectares e serve para orientar a fiscalização ambiental. Além do corte raso (desmatamento total), o sistema registra a degradação progressiva da floresta. A taxa anual de desmate é calculada por outro sistema, o Projeto de Monitoramento do Desflorestamento na Amazônia Legal (Prodes), que é mais preciso, por avaliar áreas menores. Em 2010, a taxa anual foi 7 mil km². A nova estimativa de desmatamento anual, com dados para o período entre agosto de 2010 e julho de 2011, deve ser divulgada nas próximas semanas.

MINHA CASA, MINHA VIDA

Governo fixa diretrizes para cidades até 50 mil habitantes BRASÍLIA - O Ministério das Cidades fixou diretrizes da segunda etapa do Programa Minha Casa, Minha Vida para municípios com até 50 mil habitantes. A portaria está no Diário Oficial da União de ontem (29). As diretrizes trazem mudanças nos critérios de seleção em relação aos adotados na primeira etapa do programa. Uma delas é a prioridade na seleção para municípios em situação de calamidade pública, para os que integram o Plano Brasil sem Miséria e para os que tenham propostas de empreendimentos voltados a famílias residentes em área de risco. Outra alteração é que a prefei-

tura precisa fornecer a documentação dos terrenos onde serão construídas as unidades habitacionais no momento em que apresentar a proposta de projeto para participar do programa. Até então, essa documentação era exigida após o município ter a proposta selecionada. O período para que as cidades cadastrem as propostas no site do Ministério das Cidades começa hoje (30) e se estenderá por um mês. Cada prefeitura pode apresentar até duas propostas. Esta etapa prevê a seleção para a construção de 110 mil moradias. As informações são da assessoria de comunicação do ministério.

Autor de massacre é esquizofrênico A Procuradoria-Geral da Noruega concluiu ontem (29) que o autor dos ataques de 22 de julho, Anders Behring Breivik, de 32 anos, estava em crise psicótica no dia em que cometeu os crimes. A conclusão se baseou em análises feitas por psiquiatras. Em dois ataques praticamente simultâneos, Breivik matou 77 pessoas. Segundo o diagnóstico, Breivik desenvolveu uma esquizofrenia do tipo paranóica. O procurador Svein Holden disse que Breivik é uma pessoa que vive em um mundo isolado e com ilusões, cercado por pensamentos próprios. De acordo com ele, Breivik tem “ilusões de grandeza” que o levam a acreditar ter o direito de escolher “quem pode viver e quem pode morrer”.

Pobreza na AL diminuiu 17% Desmatamento na Amazônia atingiu 385 quilômetros quadrados em outubro

Terceira queda da Selic no ano não deve alterar juros para o consumidor BRASÍLIA - A possibilidade de queda da taxa básica de juros, a Selic, hoje (30), na reunião do Comitê de Política Monetária (Copom) do Banco Central (BC), terá pouco impacto nas operações de crédito. Esta é a avaliação da Associação Nacional dos Executivos de Finanças, Administração e Contabilidade (Anefac). Caso se confirme a expectativa da Anefac e de analistas do mercado financeiro de redução de 0,5 ponto percentual, de 11,5% para 11% ao ano (a.a.), a taxa de juros do crédito pessoal oferecido pelos bancos cairia de 65,92% a.a. para 65,16% a.a., por exemplo. Segundo a Anefac, não há muita alteração para os consumidores porque “existe um deslocamento muito grande entre a taxa Selic e as taxas de juros cobradas aos consumidores que, na média da pessoa física, atingem 115,2% ao ano, provocando uma variação de mais de

900% entre as duas pontas”. No caso da compra de uma geladeira, por exemplo, com preço à vista de R$ 1,5 mil, se financiada em 12 meses, a redução no total pago seria apenas R$ 4,64. A taxa de juros desse financiamento passaria de 5,44% para 5,4% ao mês e o valor total da compra financiada cairia de R$ 2.081,56 para R$ 2.076,93. Este ano, depois de subir 1,75 ponto percentual até julho, o BC mudou a estratégia e começou a reduzir a taxa a partir de agosto, devido aos desdobramentos da crise da dívida na Europa e às dificuldades de recuperação da economia dos Estados Unidos. Assim, apesar da inflação ainda em alta, o Copom acredita que o desaquecimento da economia global gera efeitos no Brasil, como a redução das pressões inflacionárias. Nas duas últimas reuniões do Copom, em agosto e em outubro, a taxa Selic caiu 0,5 ponto percentual de cada vez.

Pesquisa da Comissão Econômica para a América Latina e o Caribe (Cepal) aponta que, em dez anos, a taxa de pobreza na América Latina diminuiu 17 pontos percentuais. No período, o índice caiu de 48,4% para 31,4%. Houve redução também na taxa de indigência – parcela da população que vive abaixo do nível de subsistência –, que saiu de 22,6% para 12,4%. Os dados constam do documento intitulado O Panorama Social da América Latina 2011, que afirma que as taxas são as menores registradas nos últimos 20 anos. A expectativa da Cepal é que o índice de pobreza fique ainda menor em 2011, com 30,4%, o que significa 101 milhões de pessoas nessas condições. O índice de indigência sofrerá pequeno aumento, fechando o ano em 12,8%, com 73 milhões em situação de pobreza extrema.

American Airlines pede concordata O pedido de concordada feito ontem (29), nos Estados Unidos, pela empresa aérea American Airlines, não irá afetar as operações no Brasil, segundo comunicado divulgado pela companhia. Na nota, a American Airlines informa que a concordata não terá impacto jurídico nas operações no Brasil e que a empresa continuará a prestar o serviço de transporte aéreo normalmente. “A American Airlines está operando seus voos dentro da programação, honrando suas passagens e reservas como de costume e, também, executando reembolsos e trocas normalmente. O programa de fidelidade AAdvantage não será afetado”, diz o texto do comunicado.


SOCIAL

Diário Popular

Quarta-feira, 30 de novembro de 2011

11

dorachaves.2008@gmail.com

Gláucio Campello, Rosélio Miranda e Flaviano Gagiatto na confraternização do Sindmiva, ao lado de seu presidente, Jeferson Bachour e sua esposa Delma Ronaldo, Jorge Vello e Xandinho Torquetti no Sítio Vovô Laurindo

Projeto Gentileza A calígrafa Renata Souto participou da Semana de Gentilezas na escola Educação Criativa, bairro Cidade Nobre, em Ipatinga. O “Projeto Gentileza: comigo, com meu amigo e com o ambiente” teve o objetivo de incentivar os alunos

a ampliar ainda mais seus conhecimentos. Durante a oficina, a calígrafa demonstrou os materiais que utiliza em sua profissão e falou da importância em ser gentil ao escrever, pois o leitor precisa entender o que está escrito.

Chuvas e buracos

7 meses na estrada

Por muitas ruas e avenidas eles estão de volta: os temidos buracos que furam pneus e estragam a suspensão dos carros, além de provocar acidentes. Todos os anos é sempre a mesma coisa. Começa a chover, os

A estrada está chegando ao fim. Fernando Lara, o documentarista de natureza da Fauna e Flora Documentários, completou no último sábado (26) sete meses na expedição Rotas Verdes Brasil. O protago-

buracos surgem. Depois das chuvas, só remendo. E isso não adianta mais. É preciso que as prefeituras da região comecem planejar a recuperar de nossas vias. Asfalto velho precisa de pista nova. Não de remendos.

Parada Gay

Visitando o Showroom Vale do Aço, Cherryne, Chames Rolim e Lais Chevrand

Feira de Vendas Um grande evento, apesar da chuva. Tudo muito organizado, com surpresas e brindes distribuídos para os visitantes e expositores todo o tempo. Shows, desfiles infantil e adulto, oferPrestigiando o Sindimiva, o prefeito de Timóteo, Sérgio Mendes, Hiller Félix e Carlos Afonso

Confraternização do Sindimiva A festa de confraternização do Sindimiva, acontecida no último sábado, foi uma tarde muito animada, regada a bate-papos descontraídos, boas companhias, música de qualidade com a Banda Ema e um delicioso chopp atesa-

nal acompanhado de um suculento churrasco. E para deixar a festa ainda mais gostosa, o lugar não poderia ter sido melhor: a belíssima Fazenda Vovô Laurindo, da Emalto, em Timóteo. Uma tarde perfeita.

nista deste projeto já tem data para voltar. Dia 17 de dezembro ele retorna ao Vale do Aço depois de, sozinho, percorrer, por quase 8 meses ininterruptos, caminhos que poucos são capazes de atravessar.

tas de descontos impressionantes. Para o próximo ano, a data já está definida: será no dia 15 de setembro. Quem quiser já pode reservar o seu estande para a Feira de Vendas e lucrar.

“Por uma Sociedade sem Racismo, Machismo, Homofobia e Aidsfobia. Basta de Violência” será o tema usado pela Parada do Orgulho LGBT em Ipatinga para 2011. Mar-

cado para o dia 4 de dezembro, a partir das 12h, no evento haverá shows, performances, drags e Dj’s. A concentração será no trevo do Jardim Panorama.

A insistente chuva que tem caído na região nos últimos dias e deve continuar pelo menos por hoje tem feito seus estragos. Ontem à tarde, por exemplo, pelo menos uns 4 carros se envolveram em um acidente próximo ao ponto de ônibus do Shopping, no sentido Horto. Mais tarde,

outro acidente com uma carreta, próximo da Estação Ferroviária, por volta das 17h, fez o trânsito no sentido Shopping-Centro ficar ainda pior. E para piorar, no mesmo horário um acidente também piorou o já congestionado trânsito na Praça Caratinga, no Centro.

Chuvas e acidentes


12

ESPORTES

Diário Popular

Quarta-feira, 30 de novembro de 2011

E S TA D UA L

ATLÉTICO ESTREARÁ EM CASA NO MINEIRO 2012

Galo joga às 17h do dia 29 de janeiro, contra o Boa, na Arena do Jacaré, em Sete Lagoas BH – A Federação Mineira de Futebol divulgou, nesta terça-feira, a tabela do Campeonato Mineiro 2012. Doze clubes estarão na briga pelo título. O Estadual será disputado em turno único, com 11 rodadas, e as quatros equipes melhores colocadas garantem vaga na semifinal da competição. A semi e a grande decisão serão em jogos de ida e volta. O Atlético fará a sua estreia no Campeonato Mineiro do ano que vem às 17h do dia 29 de janeiro, contra o Boa, na Arena do Jacaré, em Sete Lagoas. Os quatro melhores colocados a primeira fase avançam para as semifinais da competição. O clássico contra o Cruzeiro será na 10ª rodada, no dia 8 de

Bruno Cantini

O elenco atleticano se reapresentou na tarde desta terça-feira, na Cidade do Galo, e realizou o primeiro treinamento antes do clássico

abril, na Arena do Jacaré, com mando do Galo. Já o confronto contra o Coelho é na 5ª rodada, dia 4 de mar-

ço, também em Sete Lagoas. Atual campeão estadual, o Cruzeiro inicia a busca do bi fora de casa. A equipe ce-

leste estreia contra o Nacional de Nova Serrana, no dia 29 de janeiro, domingo, às 19h30, no Ipatingão.

Mais do que construir condomínios, a Egesa cria qualidade de vida.

Há 50 anos, a Egesa participa do desenvolvimento e do crescimento do país, construindo obras como rodovias, ferrovias, barragens, sistemas de irrigação e saneamento, gasodutos, estádios e pontes. Estes são alguns exemplos de como a empresa vem investindo no futuro. Assim como o Parques do Vale, o mais novo projeto da Egesa, que vai mudar a vida em Caratinga e em todo o leste mineiro.

Construindo o futuro www.egesa.com.br

REAPRESENTAÇÃO O elenco atleticano se reapresentou na tarde desta terça-feira (29), na Cidade do Galo, e realizou o primeiro treinamento antes do clássico do próximo domingo, em Sete Lagoas, pela última rodada do Brasileirão. O duelo final do Brasileirão 2011 acontecerá às 17h, na Arena do Jacaré, contra o Cruzeiro. Antes das atividades, o presidente Alexandre Kalil se reuniu com os jogadores alertando para a importância da partida, uma vez que os três pontos garantem ao Galo uma vaga na Copa Sul-Americana de 2012. Nesta quarta-feira, o treino será pela manhã, às 9h30.

Confira todos os jogos do Galo na 1ª fase do Estadual 29/1 – 17h Atlético x Boa – Arena do Jacaré 5/2 – 19h30 América-TO x Atlético – Nassri Mattar 11/2 – 17h Atlético x Caldense – Arena do Jacaré 26/2 – 17h Guarani x Atlético – Farião 4/3 – 16h América x Atlético – Arena do Jacaré 10/3 – 18h30 Atlético x Nacional de Nova Serrana Arena do Jacaré 18/3 – 16h Villa Nova x Atlético – Castor Cifuentes 24/3 – 18h30 Atlético x Democrata – Arena do Jacaré 1/4 – 16h Uberaba x Atlético – Uberabão 8/4 – 16h Atlético x Cruzeiro – Arena do Jacaré 15/4 – 16h Tupi x Atlético – Mario Helênio


jornal 30 11 2011