Page 1

CIANO

MAGENTA

AMARELO

PRETO

DIÁRIOPOPULAR J O R N A L D E V E R D ade

Região Metropolitana do Vale do Aço - Ano III - Número 1.134 - Sexta-feira, 20/05/2011 - R$ 0,70

FA B R I C I A N O

Cemig inicia obras para acabar com os “apagões” Arquivo DP

A Companhia Energética de Minas Gerais (Cemig) irá investir aproximadamente R$ 1,2 milhão em obras de reforma e reforço da rede que atende o município de Coronel Fabriciano. O investimento tem como objetivo aumentar a confiabilidade do atendimento e reduzir as interrupções no fornecimento de energia. Dentre os serviços previstos, será feita a substituição de vários postes, redivisão de circuitos de transformadores, troca de para-raios, substituição de cabos nus por rede isolada ou protegida e instalação de 12 religadores trifásicos, o que vai aumentar a segurança para população. Serão dois mutirões para a conclusão das obras. O primeiro acontecerá no próximo domingo (22) e o segundo será no domingo, dia cinco de Página 05 junho.

VA C I N A Ç Ã O

Grávidas não aderem à campanha

A Cemig já iniciou os trabalhos de melhoria da rede elétrica de Fabriciano e vai realizar mutirões nos próximos finais de semana

JUSTIÇA

Juízes saem em defesa do mutirão Os juízes de Ipatinga defenderam ontem iniciativas como o atual mutirão de conciliação do DPVAT. Entre os magistrados que orientam os

trabalhos na Semana da Conciliação no Vale do Aço, é unânime o entendimento de que “conciliar” é um dos pilares do futuro da Justiça, já

que trata-se de uma alternativa baseada na autonomia das partes, na harmonização das relações e na celeridade da resolução dos litígios. Página 04

Prevista para terminar hoje (19), a Campanha de Vacinação contra a gripe, prorrogada em quase todas as cidades do Brasil, resultou em um bom número de imunizados na cidade, mas ainda deixou a desejar na quantidade de gestantes vacinadas. O objetivo da administração municipal era de que 31.675 pessoas recebessem a dose da vacina. Mas somente 23.174 pessoas aderiram à campanha, o que representa cerca de 75% da meta estabelecida.

Página 03

O cineasta Luiz Carlos Lacerda (de amarelo) durante oficina em Ipatinga

FIM DE SEMANA

8ª Cinedocumenta tem extensa programação A 8ª Cinedocumenta, promovida com o patrocínio da Usiminas, ganha sequência no final de semana com uma extensa programação, que será desenvolvida simultaneamente em Ipatinga, Timóteo, Coronel Fabriciano e Santana do Paraíso. A mostra foi aberta no início

da semana com a exibição de uma entrevista de João Ubaldo, gravada em sua casa por Éderson Caldas e pelo cineasta Joel Pizzini, um dos oficineiros da Mostra. No vídeo, Ubaldo fala sobre o seu livro ‘Viva o Povo Brasileiro’, e diz que a realidade é mais absurda que a ficção. Página 11

CONFERÊNCIA

Professor em comitê de Inteligência Artificial O professor do Unileste Francisco Antonio Fernandes Reinaldo é um dos três pesquisadores brasileiros convidados para compor o comitê de organização do 15th Portuguese Conference on Artificial Intelligence (Epia 2011), que será realizado em outubro em Lisboa, Portugal. “Os estudos e produções em Inteligência Artificial têm se desenvolvido amplamente em Portugal, e o Epia 2011 reflete este crescimento, constituindo um espaço de debate interdisciplinar sobre os avanços e perspectivas da área”, comenta Francisco Reinaldo. Página 08

sa ú de

Prefeitura inscreve para médicos do PSF

www.diariopopularmg.com.br

Página 06


2

utilidades

Diário Popular

Sexta-feira, 20 de maio de 2011

FRASES ARTIGO

espaço p ú blico

“Não há nenhuma investigação da Polícia Federal sobre o ministro Palocci nem sobre sua empresa”.

PMT homenageia mães do Humanizar Cerca de 800 participantes do Humanizar prestigiaram a homenagem prestada pela Prefeitura de Timóteo às mães que participam do projeto voltado para a terceira idade. Música, dança, grupo de seresta, paródia apresentada pela equipe de funcionários do Humanizar, além de um saboroso chá, foram os ingredientes para animar a festa. O prefeito de Timóteo, Sérgio Mendes, destacou que a valorização e o respeito à terceira idade faz parte do compromisso assumido pela atual administração. “Notamos claramente a melhoria na qualidade de vida de quem participa do projeto Humanizar. Estamos avançando nesta área, inclusive com a criação de três novos núcleos este ano: Nova Esperança, Córrego do Caçador e Sodalício Tio Questor, totalizando 13 unidades do programa”, frisou o prefeito. Estiveram presentes à homenagem das mães do Humanizar o secretário de Assistência Social, Enéias Reis, e a coordenadora do projeto, Liliam Sperancini. Atualmente, o projeto Humanizar, que é ligado à Secretaria Municipal de Assistência Social, atende cerca de 1.500 alunos, com aulas de ginástica, alongamento, dança, grupo de seresta, artesanato e atividades de socialização como passeios e eventos culturais. Os dez outros núcleos estão localizados nos bairros Macuco, Recanto Verde, Alegre, Cachoeira do Vale, Primavera, São José, Santa Maria, Alvorada, Novo Tempo e Ana Moura.

Ministro José Eduardo Cardozo (Justiça), dizendo que há “muita especulação” sobre a evolução patrimonial do ministro Antonio Palocci (Casa Civil).

“O povo palestino deve ter o direito ao autogoverno, e a atingir seu potencial, em um Estado soberano e contíguo”. Presidente americano, Barack Obama, declarando o apoio dos Estados Unidos à construção de um Estado palestino nas fronteiras de antes da guerra de 1967.

“Eu entendo Hitler, embora compreenda que fez coisas equivocadas. Só estou dizendo que entendo o homem, não é o que chamaríamos de um bom homem, mas simpatizo um pouco com ele”. Do cineasta Lars Von Trier, declarado nesta quinta-feira ‘persona non grata’ pelo Festival de Cannes por suas declarações de teor nazista.

dIRETOR RESPONSÁVEL Fernando Benedito Jr. Editora responsável Anna Sylvia Rodrigues e Silva (MG 12319 JP) O DIÁRIO POPULAR é uma publicação da A Gazeta Metropolitana Editora e Gráfica LTDA. CNPJ 07.366.171/0001-88 FALE CONOScO Telefone: 3827-0369. diariopopular.redacao@gmail.com ou diariopopular.comercial@gmail.com Administração e Redação Avenida JK, 1290, bairro Jardim Panorama, CEP 35.164-245. Oficina Rua Anápolis, 55, Veneza II, Ipatinga.

ARTIGO

A discriminação no Brasil é étnica, social e regional O processo de ascensão social de massas, inédito no Brasil, volta a promover formas de discriminação. A política – de sucesso comprovado – de cotas nas universidades, a eleição de um operário nordestino para Presidente da República – igualmente de sucesso inquestionável -, a ascensão ao consumo de bens essenciais que sempre lhes foram negados – fenômeno central no Brasil de hoje -, provocaram reações de discriminação que pareciam não existir entre nós. A cruel brincadeira de repetir um mote das elites – “O Brasil não tem discriminação porque os negros conhecem o seu lugar” – mostra sua verdadeira cara quando essas mesmas elites sentem seus privilégios ameaçados. Setores que nunca se importavam com a desigualdade quando seus filhos tinham preparação sistemática para concorrer em melhores condições às vagas das universidades públicas, passaram a apelar para a igualdade na concorrência, quando os setores relegados secularmente no Brasil passaram a ter cotas para essas vagas. Professores universitários – incrivelmente, em especial antropólogos, que deveriam ser os primeiros a lutar contra a discriminação racial -, músicos – significativa a presença de músicos baianos, que deveriam ser muito mais sensíveis que os outros à questão negra -, publicaram manifesto contra a política de cotas, em nome da igualdade diante da lei do liberalismo. A vitória da Dilma, por sua vez, provocou a reação irada e ressentida de vozes, especialmente da elite paulistana, contra os nordestinos, por terem sido os setores do país que pela primeira vez são atendidos em seus direitos básicos. Reascendeu-se o espírito de 1932, aquele que orientou o separatismo paulista na reação contra a ascensão do Getúlio e de suas politicas de democratização econômica e social do Brasil. Um ranço racista, antinordestino, aflorou claramente, dirigidos ao Lula e aos nordestinos, que vivem e constroem o progresso de São Paulo, e aos que sobreviveram à pior miséria nacional no nordeste e hoje constroem uma região melhor para todos. A discussão sobre o metrô em Higienópolis tem a vem com a apropriação privilegiada dos espaços urbanos pelos mais ricos que, quando podem, fecham ilegalmente ruas, se blindam em condomínios privados com guardas privados. A rejeição de pessoas do bairro – 3500 assinaturas – à estação do metrô expressava o que foi dito por alguns, sentido por

Emir Sader (*)

todos eles, de impedir que seja facilitado o acesso ao bairro – a que mesmo seus empregados particulares tem que chegar tomando 2 ou 3 ônibus -, com a alegação que chegariam camelôs, drogas (como se o consumo fosse restrito a setores pobres), violência, etc. Nos três tipos de fenômeno, elemento comum é a discriminação. Étnica, contra os negros, na politica de cotas; contra os nordestinos, nas eleições; na estação do metrô, contra os pobres. Os três níveis estão entrelaçados historicamente. Fomos o último país a terminar com a escravidão, por termos passado de colônia à monarquia e não à república. Adiou-se o fim da escravidão para o fim do século. No meio do século XIX foi elaborada a Lei de Terras, que legalizou a propriedade – via grilagem, em que em papel forjado é colocado na gaveta e o cocô do grilo faz parecer antigo. Quando terminou finalmente a escravidão, todas as terras estavam ocupadas. Os novos cidadãos “livres” deixaram de ser escravos, mas não foram recompensados nem sequer com pedaços de terra. Os negros livres passaram a se somar automaticamente à legião de pobres no Brasil. O modelo de desenvolvimento, por sua vez, concentrador de investimentos e de renda, privilegiou o setor centro sul do Brasil, abandonando o nordeste quando se esgotou o ciclo da cana de açúcar. Assim, nordestino, esquematicamente falando, era latifundiário ou era pobre. Esse mesmo modelo privilegiou o consumo de luxo e a exportação como seus mercados fundamentais, especialmente com a ditadura militar e o arrocho salarial. A discriminação dos negros, dos nordestinos e dos pobres foi assim uma construção histórica no Brasil, vinculada às opções das elites dominantes – em geral brancas, ricas e do centro-sul do pais. A discriminação tem que ser combatida então nas suas três dimensões completamente interligadas: étnicas, regionais e sociais. O fato do voto dos mais pobres (que inclui automaticamente os negros) e dos nordestinos estar na base da eleição e reeleição do Lula e na eleição da Dilma, com os avanços sociais correspondentes, só acirram as reações das elites. Discriminações que tem que ser combatidas com politicas publicas, com mobilizações populares e também com a batalha no plano das ideias. (*) Emir Sader é sociólogo e autor do Blog do Emir, onde este artigo foi originalmente publicado


cidades

José Barbosa/PMI

A comissão intersetorial, composta por representantes do poder público e sociedade civil organizada, instituída para formular o Plano

ASSISTÊNCIA SOCIAL

Ipatinga elabora Plano de Convivência Comunitária IPATINGA - A comissão intersetorial instituída para a formulação do Plano Municipal de Convivência Familiar Comunitária (PMCFC), composta por representantes do poder público e sociedade civil organizada, reuniu-se na quarta-feira (18), no sétimo andar da Prefeitura de Ipatinga, para o fechamento da elaboração do documento que irá passar por consulta pública antes de sua publicação. METAS A principal meta do plano é oferecer um sistema funcional de proteção integral e preservação dos vínculos familiares e comunitários de crianças e adolescentes por meio de ações de prevenção e de fortalecimento destes vínculos, assim como reordenar serviços de acolhimento institucional que existem no município, fazendo com que eles respeitem o marco formativo de excepcionalidade e do processo provisório do serviço. A implantação do Plano Municipal de Convivência Familiar e Comunitária é uma determinação pre-

Denise Avelino: “É muito importante que os atores sociais participem da construção deste plano, que tem um viés democrático”

sente no Plano Nacional de Promoção, Proteção e Defesa dos Direitos da Criança e do Adolescente à Convivência Familiar e Comunitária (PNCFC), lançado pelo governo federal em 2007. No cumprimento da publicação, estados e municípios devem elaborar e implantar seus planos individuais até o fim deste ano.

elaboração do plano. Foram ao todo 12 encontros dos quais foram discutidos temas como apoio sociofamiliar, ações de reordenamento, qualificação dos serviços de acolhimento institucional e a adoção. Após a discussão acerca destes temas, a comissão deu início à formulação das ações para, em seguida, sistematizá-las.

ETAPAS A comissão intersetorial, instituída pelo Conselho Municipal de Assistência Social (CMAS) e Conselho Municipal da Criança e do Adolescente (CMDCA), reúne-se desde março para a

CONSULTA PÚBLICA A próxima etapa do plano é a disponibilização do documento para consulta pública por meio do site da Prefeitura de Ipatinga, que será feita a partir de 1º de junho, quando a popula-

ção poderá fazer sugestões das ações a serem implementadas no plano, em um prazo de 10 dias. Segundo Denise Avelino, advogada e assessora da Associação Casa Novella, Organização Não Governamental (ONG) de Belo Horizonte, que presta assessoria na elaboração do PMCFC de Ipatinga: “É muito importante que os atores da saúde, do judiciário, da educação, da assistência social, ou seja, de todas as políticas setoriais vinculadas ao tema, assim como da sociedade civil organizada, participem da construção deste plano que tem um viés democrático”, explica. Ainda de acordo com Denise Avelino, o plano pretende trabalhar situações bem amplas como criação de serviços, novos serviços, potencialização de instituições, fortalecimento da rede socioassistencial e da rede interssetorial, provocação do judiciário das questões da criança e do adolescente. “É um plano que tem ações extremamente amplas e que vai implicar todas as políticas setoriais do município”, finalizou

Diário Popular

Sexta-feira, 20 de maio de 2011

3

Grávidas ainda resistem à vacinação contra gripe IPATINGA – Prevista para terminar nesta sexta-feira (19), a Campanha de Vacinação contra a gripe, prorrogada em quase todas as cidades do Brasil, resultou em um bom número de imunizados na cidade, mas ainda deixou a desejar na quantidade de gestantes vacinadas e ainda não atingiu a meta de 80% estabelecida pelo Governo Federal. Para esta 13ª edição da campanha, o objetivo da administração municipal era de que 31.675 pessoas recebessem a dose da vacina. Mas, dados divulgados na tarde de ontem pela Secretaria de Saúde de Ipatinga informaram que 23.174 pessoas aderiram à campanha, o que representa cerca de 75% da meta estabelecida. Das 5.271 crianças previstas, 4.332 compareceram às Unidades de Saúde de Ipatinga. O índice no público idoso, segundo a prefeitura, também foi satisfatório: 17.408 dos 20.423 estabelecidos como objetivo. As gestantes foram responsáveis pelo maior índice de ausência da campanha. Das 3.536 previstas, apenas 1.434 foram vacinadas, atingin-

do a marca de 40%. De acordo com especialistas, as grávidas foram incluídas na vacinação por terem a imunidade comprometida durante o período de gestação, fazendo com que uma simples gripe gere consequências mais graves, como uma pneumonia. A partir do próximo mês, com a estação do inverno se aproximando, os dias mais frios passam a ser frequentes, com as pessoas mais agasalhadas e em locais fechados. Tudo isso contribui para que a gripe possa estar presente nos mais diversos ambientes, permitindo que o vírus seja espalhado. A Campanha de Vacinação Contra a Gripe é destinada a gestantes, idosos e crianças entre seis meses e dois anos de idade. A dose protege contra os três principais vírus que circularam no hemisfério Sul em 2010, entre eles o da Influenza A (H1N1). A vacina é válida por um ano e tem o período de 15 dias para começar a agir. Ela é gratuita e está sendo oferecida nas Unidades Básicas de Saúde de todo o município.

Inscrições para curso do Senac terminam hoje Especialização em Gestão da Tecnologia da Informação inicia no próximo sábado (21), em Coronel Fabriciano IPATINGA – Terminam hoje, 20, as inscrições para o curso de Especialização em Gestão da Tecnologia da Informação do Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial - Senac. Com início das aulas no dia 21 de maio, o curso conta com carga horária de 360 horas, que serão ministradas em Coronel Fabriciano, aos sábados, de 8h às 16h. Para o diretor do Senac Vale do Aço, Renato Ouverney, os cursos de pós-

graduação são criados a partir das necessidades e tendências do mercado de trabalho da região. “Oferecemos propostas pedagógicas inovadoras e unificadas, que viabilizam o desenvolvimento do profissional que deseja atualizar-se ou aprofundar-se nas competências voltadas à área profissional de atuação ou interesse”, garantiu. Mais informações sobre o curso pelo telefone: 31 3841-9650.


4

cidades

Diário Popular

Sexta-feira, 20 de maio de 2011 Thaís Dutra

José Maria Facundes: “Até pouco tempo, o contador era visto como um profissional bitolado e pouco criativo; hoje é antenado e atualizado”

CO N F R AT E R N I Z AÇ ÃO

Os juízes Fabrício Simão, Marli Maria Braga, Raimundo Messias Júnior, Lucy Augusta, Marcelo Fioravante e Maria Aparecida Grossi, no Mutirão do DPVAT

JUSTIÇA

Magistrados defendem conciliação em Ipatinga IPATINGA - “Conciliar”. É esta a palavra de ordem da Justiça em Ipatinga desde o início da semana, quando teve início na comarca o 1º Mutirão do DPVAT. A iniciativa, promovida pelo Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG), por meio da 3ª Vice-Presidência, tem por objetivo transformar o judiciário através do estímulo ao diálogo e à negociação entre as partes. Entre os juízes que orientam os trabalhos na Semana da Conciliação no Vale do Aço, é unânime o entendimento de que “conciliar” é um dos pilares do futuro da Justiça, já que trata-se de uma alternativa baseada na autonomia das partes, na harmonização das relações e na celeridade da resolução dos litígios. NOVA CULTURA Na opinião da diretora do Foro da comarca de Ipatinga, a juíza Marli Maria Braga Andrade, a Semana da Conciliação coloca a comarca numa posição de vanguarda no que diz respeito ao cumprimento do princípio constitucional do prazo razoável do processo. “Se o evento resultar na realização de um número expressivo de acordos, ótimo.

Se não, já é o fomento de uma nova cultura por parte do judiciário e da comunidade”, avalia. A juíza da 1ª Vara Cível da comarca de Timóteo, Lucy Augusta Aznar, também considera “louvável” a ideia da conciliação e chama atenção para os benefícios dessa alternativa para as partes. “É sempre bom buscar a conciliação para resolver os conflitos. As demandas são solucionadas com maior rapidez e as pessoas saem satisfeitas”, aponta. Opinião semelhante tem a juíza titular da 2ª Vara Cível da comarca de Ipatinga, Maria Aparecida de Oliveira Grossi. Para ela, o Mutirão do DPVAT é um projeto inovador de grande importância para a sociedade, pois possibilita à parte a concretização de seu direito de forma efetiva e célere. “Representa ainda uma nova forma de enfrentar os desafios da evolução social, que fazem desaguar diariamente no Judiciário uma gama enorme de demandas”, acrescenta. ECONOMIA Um dos organizadores do evento no Vale do Aço, o juiz titular da 1ª Vara Cível da comarca de Ipatinga,

Marcelo Fioravante, destacou ainda outros aspectos positivos da iniciativa para a região. “A exemplo do que ocorreu em Belo Horizonte e em Uberlândia, um resultado positivo no Mutirão do DPVAT pode implicar na injeção de R$ 2 mi a R$ 3 mi na economia local. E isso traz reflexos muito significativos para a região”, ponderou. A fim de auxiliar nos trabalhos da Semana de Conciliação de Ipatinga, dois magistrados da comarca de Belo Horizonte viajaram para o Vale do Aço - o juiz titular da 3ª Vara Cível, Raimundo Messias Júnior, e o juiz de direito substituto, Fabrício Simão. FINAL O mutirão do DPVAT em Ipatinga termina nesta sexta-feira (20). Também participaram do evento o juiz auxiliar da Corregedoria, Marco Antônio Feital Leite, e o juiz da 1ª Vara Cível de Coronel Fabriciano, Silvemar José Henriques Salgado. Os trabalhos estão sendo acompanhados ainda pela assessora da Gestão da Inovação (Agin), Ana Paula Vilhena, e pela assessora de Comunicação Institucional do TJMG, Valéria Valle Vianna.

Sindcomércio e contabilistas fortalecem a categoria FABRICIANO – Sucesso de público, a terceira edição do jantar em homenagem ao Contabilista promovido pelo Sindicato do Comércio Varejista e Atacadista de Bens e Serviços (Sindcomércio) do Vale do Aço na noite de quarta-feira (18), no Hotel Metropolitano, em Coronel Fabriciano, foi uma oportunidade para a categoria se fortalecer, trocar ideias e se reciclar. “É a chance que a classe tem para discutir os seus problemas, interagir e buscar aprimoramento. Até pouco tempo, o contador era visto como um profissional bitolado e pouco criativo, que decorava as regras e só atendia às necessidades do fisco. Mas hoje ele é conselheiro, antenado e atualizado. Temos unido esforços para beneficiar a categoria, pois sabemos que, em breve, o profissional da Contabilidade será um dos mais valorizados”, discorreu o presidente do Sindcomércio, José Maria Facundes. FORTALECIMENTO Adiel Cornélio da Costa, presidente do Sindicato dos Contabilistas do Vale do Aço (Sinconvale), avalia que o estreitamento das relações com o Sindcomércio “fortalece a classe contábil em benefício da própria classe empresarial”. “Vejo a união entre os dois sindicatos como um grande avanço. O Sindcomércio é o nosso maior aliado e sempre nos dá oportunidades para nos organizarmos e buscar-

mos reciclagem através de cursos, treinamentos e palestras”, comemorou Adiel. Por sua vez, o delegado do Conselho Regional de Contabilidade (CRC) em Ipatinga, Célio Nerio Pavione, também destacou o empenho do Sindcomércio em prol dos contabilistas. “Desde que assumiu a presidência, José Maria Facundes vem prestigiando a classe contábil. E isso é muito importante para estreitar os laços entre os empresários e os contabilistas, afinal de contas, são parceiros permanentes. No dia-a-dia, um depende do outro para orientações e sobrevivência”, analisa Célio, que também é coordenador da Câmara Setorial de Contabilidade do Vale do Aço. O delegado do CRC ainda falou sobre o sucesso do jantar em homenagem ao Contabilista promovido pelo Sindcomércio, destacando que é uma oportunidade de integração entre os colegas, uma vez que eles pouco se encontram no dia-a-dia. “A cada edição aumenta o público e isso é o sintoma de um efeito agregador, ou seja, cada vez mais profissionais contábeis participam. Aquele que prestigia uma vez dá as boas referências ao colega de profissão. Há várias vantagens nesse encontro. A principal delas é saber o anseio dos nossos clientes. Temos a oportunidade de nos adequar para atender às necessidades antes que elas sejam reais”, explica Célio Pavione.

Célio Nério Pavione, do CRC

Adiel Cornélio da Costa, do Sinconvale


cidades

ENERGIA

Cemig investe R$ 1,2 milhão na rede elétrica de Fabriciano FABRICIANO - A Companhia Energética de Minas Gerais (Cemig) irá investir aproximadamente R$ 1,2 milhão em obras de reforma e reforço da rede que atende o município de Coronel Fabriciano. O investimento tem como objetivo aumentar a confiabilidade do atendimento e reduzir as interrupções no fornecimento de energia. Dentre os serviços previstos, será feita a substituição de vários postes, redivisão de circuitos de transformadores, troca de para-raios, substituição de cabos nus por rede isolada ou protegida e instalação de 12 religadores trifásicos, o que vai aumentar a segurança para população. MELHORIA Romero José de Souza Alvarez, Líder de Negócios do Vale do Aço, informou que o principal ganho para a população será a melhoria no desempenho do sistema elétrico. “Estas obras resultarão em melhorias consideráveis na rede da Cemig, com relação ao nível de tensão, confiabilidade e segurança no fornecimento de energia”, afirma.

A rede elétrica de Coronel Fabriciano está passando por completa reestruturação para evitar os constantes “apagões”

Para a realização das obras foi necessário um planejamento detalhado, devido a sua complexidade. Como preparação, várias etapas já foram executadas com equipes de linha viva (que executam serviços com a média tensão ligada), tais como: limpeza e recuperação de vias de acesso, limpeza de faixa, isolamento e proteção de re-

des de 13,8 kV, seccionamento de circuitos de 13,8 kV, troca de pararaios, instalação de religadores, empancaduras e solicitação de sinalização, controle do trânsito e policiamento nos locais onde nosso veículos estarão trabalhando. MUTIRÕES Serão dois mutirões para a conclusão das

obras. O primeiro acontecerá no próximo domingo (22) e o segundo será no domingo dia 05 de junho. A primeira etapa irá contar com o envolvimento de 72 empregados, entre eletricistas, técnicos e engenheiros, além de 30 veículos entre caminhões, caminhonetes e veículos menores, de equipes do Vale do Aço, Governador Valadares e Belo Horizonte. Estes mutirões, a exemplo da fase de preparação, também serão realizados em linha viva, sem desligar os consumidores, evitando assim um desconforto maior. No entanto, será necessário transferir a carga dos consumidores atendidos pelos circuitos onde os trabalhos serão realizados para outros circuitos, o que poderá deixar o sistema mais fragilizado. Portanto, a Empresa pede à população uma especial tolerância e colaboração nos dias do mutirão, evitando o consumo excessivo de energia até às 20hs, desligando lâmpadas e aparelhos que não estejam sendo usados. A Cemig ressalta que este desconforto é momentâneo, mas os benefícios advindos destas obras serão duradouros.

Diário Popular

Sexta-feira, 20 de maio de 2011

5

Sicoob Vale do Aço abre agência Limoeiro TIMÓTEO - Os cooperados do Sicoob Vale do Aço, em especial os clientes da agência do Bairro Limoeiro, em Timóteo, ganharam um novo local para realizarem seus negócios. A inauguração da nova agência acontece nesta sexta-feira, 20, às 9h. Mais conforto e segurança, instalações novas e modernas, tecnologia de ponta na informatização, acesso mais fácil e atendimento personalizado são diferenciais que facilitam a vida dos usuários. AMPLIAÇÃO O presidente do Sicoob Vale do Aço, Luiz Gonzaga Viana Lage, afirmou que a mudança da agência para um local mais adequado, reflete a filosofia da Cooperativa que busca constantemente aprimorar e melhorar o atendimento de seu público, em especial os cooperados. “Está nos planos do Sicoob Vale do Aço a implantação de novas agências nas cidades vizinhas, ampliando cada vez mais o raio de ação da Cooperativa e fortalecendo-a como entidade capaz de competir num mercado em constante desenvolvimento, mas sempre dentro da filosofia do cooperativismo”, acrescentou. Em breve será inaugurado um novo espaço em Santana do Paraíso, já em construção, e está em fase de planejamento a instalação de agências em Joanésia e Mesquita, ainda em 2011. O Superintendente de Negócios do Sicoob Vale do Aço, Jander Alvarenga, lem-

bra que a Cooperativa foi pioneira em instalar uma agência no Bairro Limoeiro, em Timóteo, próximo ao Distrito Industrial, numa área em que as demais instituições congêneres deixaram de lado. “É a visão social do cooperativismo que procura estar onde pode ser útil e atender melhor os cooperados e não cooperados da localidade”, frisou o Superintendente. SERVIÇOS A Cooperativa oferece serviços e produtos financeiros como empréstimos diversos inclusive consignados, financiamentos, aplicações, antecipação de recebíveis, cartão de crédito, seguros diversos, recebimento de contas, boletos bancários, cobranças, e débito automático. O cooperado tem ainda à sua disposição conta corrente para pessoa física e jurídica, além de movimentações financeiras via Sicoobnet, e terminais de atendimento em todas as lojas com horário estendido. Esse serviço pode ser acessado também em qualquer um dos mais de 2 mil postos de atendimento do Sistema Sicoob em todo o País. As taxas praticadas, os serviços e o acolhimento proporcionam condições excepcionais aos cooperados, que são os verdadeiros donos do empreendimento. Anualmente, os cooperados usufruem da distribuição das sobras financeiras, que são o lucro nos estabelecimentos financeiros tradicionais.

Saúde masculina é destaque na Cenibra IPATINGA – A Cenibra encerra hoje (19) a Semana da Saúde 2011. O evento teve como objetivos alertar os empregados sobre a importância da preservação da saúde, além de incentivá-los a adotarem hábitos por uma vida mais saudável. A iniciativa faz parte do Programa Qualidade de Vida - Vivendo Melhor. No encerramento, o foco será a “Saúde do Homem”. Ultimamente, o Ministério da Saúde tem feito campanhas alertando

os homens para cuidarem melhor da saúde. Os homens têm tido morte mais precoce que as mulheres, principalmente pelo desleixo com a saúde, diferentemente delas. Geralmente, as campanhas para a saúde do homem fazem parecer que o homem só tem próstata. Para falar sobre a saúde do homem de forma mais abrangente, a Cenibra contará com a presença de médicos de especialidades como cardiologista, ortopedista, geriatra e clí-

nico, que estarão abordando, dentre outros assuntos, a prevenção do câncer de próstata. A SEMANA Na Fábrica, o tema destaque foi Audição. Também foram apresentados durante a Semana os temas Saúde do Sono, Fisiologia do Esporte e Ergonomia: Pilates e RPG. No Viveiro Florestal, os temas em destaque foram Saúde Bucal e Saúde Auditiva. Os empregados também

puderam apresentar os aparelhos MP3, MP4, Ipod, dentre outros, para avaliação do nível de ruído de cada um. Durante a Semana, os empregados também tiveram os serviços de aferição de pressão arterial, glicemia capilar e orientações sobre DST/AIDS. A Semana da Saúde contou também com a participação de profissionais de saúde e de instituições de ensino da região, especializados nos temas abordados.

O evento quer incentivar a adoção de hábitos por uma vida mais saudável


6

cidades

Diário Popular

Sexta-feira, 20 de maio de 2011 José Barbosa/ACS-PMI

FABRICIANO

Carlos Lima defende PEDEX só depois das eleições de 2012 Para ex-vereador, processo interno vai expor contradições e complicar a tentativa de construir a unidade no Partido dos Trabalhadores Durante a solenidade na Usiminas, Anastasia e Alexandre Silveira lembram que Minas avança em geração de emprego

USIMINAS

Silveira pede ampliação dos investimentos ao aeroporto IPATINGA - Na inaugura-

ção da segunda linha de galvanização por imersão a quente da Unigal Usiminas - jointventure entre a Usiminas e a Nippon Steel, o governador Antonio Anastasia e o secretário de Estado de Gestão Metropolitana, deputado federal Alexandre Silveira, destacaram a importância dos investimentos feitos pela siderúrgica. Foram R$ 914 milhões que possibilitaram o aumento da produção anual de aço galvanizado em 550 mil toneladas. Somente na fase de construção da nova unidade, foram gerados 3.200 empregos indiretos e agora empregos diretos. E com um detalhe bastante importante e ressaltado durante a solenidade: 8 milhões/horas/homem sem registrar acidentes, o que demonstra preocupação dos envolvidos na obra com a segurança dos funcionários. EMPREGOS

Anastasia e Alexandre Silveira lembram que Minas avança em geração de emprego. Atualmente, Minas Gerais é responsável por 35,4% da produção total brasileira de

aço bruto. Dos R$ 264,3 bilhões de investimentos anunciados em Minas Gerais, para o período de 2003 a 2012, os setores de siderurgia e mineração respondem pela maior parte. Esses investimentos vão representar a criação de 66 mil empregos diretos. No mês de abril, o Estado teve o melhor resultado de toda a série do período com saldo positivo de 36.354 trabalhadores no mercado formal, após abrir 207.354 postos de trabalho. AEROPORTO

O secretário de Gestão Metropolitana Alexandre Silveira e o governador Antonio Anastasia solicitaram ao presidente da Usiminas, Wilson Nélio Brumer, um investimento maior no aeroporto. A usina já anunciou R$ 7,5 milhões. Para Alexandre, é necessária uma reformulação geral com uma nova pista. “O governo mantém canal aberto com a direção da Usiminas no sentido de entendimento para ampliar as melhorias previstas no aeroporto”, concluiu Silveira, representante no Leste Mineiro.

IPATINGA - O ex-vereador e militante do Partido dos Trabalhadores, Carlos Lima, manifestou-se ontem contrário à realização do Processo de Eleições Diretas Extraordinárias (PEDEX) para eleição da nova Comissão Executiva do partido em Ipatinga. O processo é uma determinação da direção estadual para os municípios onde o PT está sendo gerido por comissões provisórias. “Diante da atual conjuntura municipal, em que o partido deve estar com suas atenções voltadas para o processo sucessório, é um equívoco e um absurdo convocar eleições internas. Todos sabemos que estes momentos são extremamente tensos no PT e acabam expondo suas divergências que, não raras vezes, resultam em divisões que só nos prejudicam no enfrentamento eleitoral”, disse Lima.

PREJUÍZO O ex-vereador afirma ainda que “é um absurdo” esta exposição das questões internas do PT às vésperas do processo eleitoral de 2012. “Devemos repensar esta posição porque o prejuízo para o partido é líquido e certo, tanto que a própria oposição está fomentando e estimulando a realização deste processo”, ilustra. “O Partido dos Trabalhadores já sofreu muitas consequências

das disputas internas, que expõem suas contradições e problemas. Raras vezes estas disputas se deram tranquilamente e sem maiores traumas. Realizado às vésperas da sucessão de 2012, o PEDEX só tende a complicar a unidade que estamos tentando construir a todo custo”, arremata. Lima defende a permanência da atual direção provisória até a realização do pleito de 2012, para só depois o partido realizar o Processo de Eleições Diretas Extraordinárias. “A atual direção provisória já demonstrou sua competência para dirigir o partido, inclusive conduzindo, de forma democrática e organizada, dois importantes processos eleitorais. O primeiro foi a eleição extemporânea de 2008 e o segundo a eleição presidencial do ano passado, que elegeu a candidata petista Dilma Rousseff”, defendeu Carlos Lima.

SAÚDE

PMI inscreve para médicos do PSF IPATINGA - Continuam abertas as inscrições para o processo seletivo para contratação de profissionais médicos que tenham interesse em atuar no Programa Saúde da Família (PSF) em Ipatinga. O salário ultrapassa R$ 8 mil para trabalhar 40 horas semanais. O período de inscrição vai até o dia 24 de maio. O Processo Seletivo constará de uma prova objetiva de múltipla escolha e prova de títulos, a ser realizada no dia 29. As inscrições estão sendo realizadas no Departamento de Desenvolvimento de Recursos Humanos, situado no 3º andar do prédio da Prefeitura de Ipatinga, no horário de 12h às 17h. As inscrições também podem ser feitas por procuração. A convocação para a contratação será feita de acordo com a necessidade da Prefeitura de Ipatinga. A convocação respei-

tará a ordem de classificação e o número de vagas existentes ou que vierem a existir, durante o período de validade do Processo Seletivo, tendo prazo de validade de seis meses, podendo ser prorrogado por igual período, a critério da administração municipal. Para o secretário Municipal de Saúde, Wilson Soares de Sá, há demandas para médicos no PSF de Ipatinga. “Por falta de profissionais estamos tendo dificuldades em ampliar o programa nas Unidades de Saúde. Profissionais que tenham interesse devem procurar a Prefeitura e participar do processo de seleção”, informa. REGRAS Os portadores de necessidades especiais, assim entendidos aqueles que se enquadram nas categorias discriminadas no artigo 4º do Decreto Federal nº

3.298/99 e suas alterações, têm assegurado o direito de inscrição no presente Processo Seletivo, desde que a necessidade especial seja compatível com as atribuições do emprego para o qual concorrem. Do total de vagas, e das que vierem a ser criadas durante o prazo de validade do Processo Seletivo, 5% ficarão reservadas aos candidatos portadores de necessidades especiais. Será classificado o candidato que obtiver 50% dos pontos ou mais. A classificação final dos candidatos será feita pela soma dos pontos obtidos na prova objetiva de múltipla escolha e na prova de títulos. Na classificação final entre candidatos empatados, serão fatores de desempate os seguintes critérios: a) maior nota nas questões de conhecimentos específicos; b) maior nota nas questões de saúde pública; e c) maior idade.


cidades

PM prende suspeito de assalto e arrombamento Preso foi encontrado com material roubado de bar e era monitorado por suspeita de assalto a residência de idoso, que foi atingido a coronhadas; irmã garante que R$ 4 mil encontrados na residência são oriundos de acerto trabalhista IPATINGA – O Bar da Rotatória, situado na avenida Pedro Nolasco, 20, no bairro Ideal, foi arrombado na madrugada de quarta-feira (18). O proprietário só percebeu o furto na manhã de ontem por volta das 8h, quando acionou a Polícia Militar. Foram levados do estabelecimento uma TV de 42 polegadas, receptor de antena parabólica, DVD, maços de cigarros, aparelho de som, um cheque e R$ 400 em espécie e moedas. Os objetos furtados, incluindo um cheque de R$ 400, acabaram sendo encontrados na manhã de ontem na casa de Renam Rodrigues Nascimento, de 27 anos. O cabo Ademar Beirão acompanhou as buscas no interior da residência. Foram localizados ainda no quarto do suspeito, dentro de uma bermuda, no guardaroupas, a quantia de R$ 4.068 e um som de carro. Questionado pelos militares sobre a procedência da alta quantia, Renam não forneceu aos policiais maiores informações. “A residência do autor estava sendo monitorada antes porque há uns três dias houve um roubo a residência no bairro Recanto, quando quatro pessoas invadiram a casa e agrediram a coronhadas um idoso. Os ladrões fugiram levando R$ 6 mil. Eram quatro os autores e Renam estava sendo

Diário Popular

Sexta-feira, 20 de maio de 2011

7

flagrante

Homem “dispensa” drogas no sanitário FABRICIANO – Após vários dias de investigação, a Polícia Militar conseguiu identificar na noite de quarta-feira (18), o ponto de venda de drogas da avenida Tancredo de Almeida Neves, bairro Nazaré, que vinha sendo alvo de denúncias anônimas pelo 190. No local foram presos Deikton Nunes Pereira, de 22 anos, e uma adolescente de 14 anos. Ao perceber a chegada dos policiais no prédio, o sujeito correu para o apartamento onde estavam os entorpecentes e gritou para que a menor dispensas-

se as drogas no vaso sanitário. Contudo, Deikton não conseguiu escapar do flagrante. No banheiro, os militares localizaram 8 buchas de crack prontas para venda, que estavam próximo ao vaso sanitário. A PM apreendeu na residência uma balança de precisão, aparelhos de vídeo game que o suspeito não soube informar a procedência e ainda a quantia de R$68 em espécie. Deikton foi encaminhado para a Delegacia de Ipatinga e autuado em flagrante.

Briga de vizinhos acaba na Delegacia

Renam Rodrigues é acusado pela PM de furtar vários objetos do Bar da Rotatória, no bairro Ideal

monitorado exatamente por ele ter um veículo semelhante ao que esteve no local do assalto”, explicou. CONFISSÃO Beirão disse que o suspeito assumiu a autoria do arrombamento ao bar. Mas não forneceu detalhes de quem participou com ele no crime. Ele informou que só descobriu os objetos furtados na casa de Renam em virtude de ela estar sendo monitorada anteriormente. “Como ele não soube responder a procedência do dinheiro, tudo leva a crer que tenha alguma coisa a ver com o assalto. Para o roubo no bairro Recan-

to foi usado um Escort de cor azul e ele disse que tem um veículo semelhante. No arrombamento do bar foi usado um Omega, semelhante ao de propriedade da família do Renam. A vítima afirmou categoricamente que Renam esteve com esse mesmo veículo no local. Foi assim que nós chegamos até ele”, disse o militar. DEFESA A irmã de Renam, Rejane Rodrigues, informou que o dinheiro encontrado no quarto era proveniente de um acerto trabalhista. Ela garantiu que o irmão não tem nada a ver com o roubo no bairro Recanto. “Os policiais

acharam o dinheiro, expliquei que esse não era de assalto. O Renam saiu do serviço há pouco tempo e acertou com a firma. Ele tinha um carro e vendeu. Acho que estão acusando ele desse assalto por causa do dinheiro, mas não tem prova de que foi ele. Tenho como provar pelo acerto e a carteira de trabalho que o dinheiro é do acerto”, afirmou. Rejane informou que o irmão não faz uso de droga e nem de bebida. Ela ainda ressaltou que a televisão encontrada na sua casa foi comprada por Renam de um rapaz que garantiu que o produto possui nota fiscal.

FABRICIANO – Uma briga entre dois vizinhos no bairro Amaro Lanari na noite de quarta-feira (18), virou caso de polícia. O fato começou com um atrito verbal, mas acabou em lesão corporal. Testemunhas contaram que os moradores A. M. C. L. de 49 anos e C. R. P. A. de 51 anos, discutiram e entraram em luta corporal. Ambos tiveram várias escoriações pelo corpo, mas dispensaram atendimento médico. Vizinhos que presenciaram a briga acionaram

a Polícia Militar. Um dos autores disse aos militares que um dos envolvidos possuía arma de fogo em casa. O proprietário do revólver Rossi calibre 38 informou que a arma estava legalizada. Mas à PM, o proprietário apresentou apenas o registro provisório da arma de fogo, que estava vendido desde março de 2010. Diante da falta de documentação, o revólver foi recolhido pelos policiais juntamente com os dois homens envolvidos na briga.

Bandidos levam R$ 350 de mercado no Vila Militar IPATINGA – O Sacolão do Nego, situado na rua Nova York, 65, bairro Vila Militar, foi assaltando por dois indivíduos no final da tarde de quarta-feira (18). O comerciante Aristóteles José da Silva, de 68 anos, contou que estava em seu estabelecimento quando os assaltantes entraram. Um deles portava arma de fogo. Eles anunciaram o assalto e levaram R$ 350 e um aparelho celular. Os bandidos fugiram a pé pela rua Tucu-

mã e não foram localizados pela Polícia Militar. A vítima disse aos militares que os autores tinham estatura mediana e ambos vestiam camisa clara e calça jeans. Ainda na noite de quartafeira, a motocicleta Honda CG, cor cinza, placas HME7049, foi furtada de Edimar Almeida, de 35 anos, na rua Niterói, 170, bairro Veneza. A vítima disse que estacionou o veículo, e que, minutos depois, ao voltar, constatou que ele foi furtado.


8

cidades

Diário Popular

Sexta-feira, 20 de maio de 2011

INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL

Professor integra comitê de Congresso internacional FABRICIANO - O Vale do Aço e o Centro Universitário do Leste de Minas Gerais (Unileste-MG) já contam com um reconhecido representante internacional no ramo da pesquisa em sistemas computacionais e inteligência artificial. O mérito é do professor Francisco Antonio Fernandes Reinaldo, um dos três pesquisadores brasileiros convidados para compor o comitê de organização do 15th Portuguese Conference on Artificial Intelligence (Epia 2011), que será realizado em outubro em Lisboa, Portugal. “Os estudos e produções em inteligência artificial têm se desenvolvido amplamente em Portugal, e o Epia 2011 reflete este crescimento, constituindo um espaço de debate interdisciplinar sobre os avanços e perspectivas da área”, comenta Francisco Reinaldo, que atua como professor dos cursos de Computação – Sistemas de Informação e Tecnologia em Redes de Computadores do Unileste. ATUALIZAÇÃO Como membro do comitê de organização do evento, Reinaldo participará do processo de análise e seleção dos estudos inscritos para apresentação no Epia. Além do representante do Vale do Aço, também foram convidados à colaboração os brasileiros Ana Bazzan, da Universidade Federal do Rio Grande do Sul, e Eduardo Camponogara, da Federal de Santa Catarina. “A docência pressupõe atualização constante. Participando destes espaços de discussão, nos coloca-

Francisco Reinaldo: “Participando destes espaços de discussão, nos colocamos na ponta da produção científica”

mos na ponta da produção científica ligada à Computação e aos Sistemas de Informação para, mais tarde, transmitir com propriedade conhecimento e incentivo aos estudantes do ensino superior”, completa Francisco Reinaldo. Além do Epia, Reinaldo já tem atuado como membro do comitê organizador do III Workshop on In-

telligent Systems and Applications e V Iberian Conference on Information Systems and Technologies, eventos que serão realizados em junho deste ano na cidade de Chaves, em Portugal. CURRÍCULO Francisco Antonio Fernandes Reinaldo é doutor em Engenharia

Electrotécnica e de Computadores pela Universidade do Porto, Portugal, e mestre em Ciências da Computação pela UFSC, Santa Catarina. Especializou-se em Análise de Sistemas, pelo Centro de Estudos Superiores de Londrina (PR), estendendo seus estudos com disciplinas externas em Engenharia da Computação pela UFRGS, Rio Grande

do Sul. Na área de Ensino a Distância, Reinaldo possui Especialização em Design Instrucional para EaD, pela Universidade Federal de Itajubá (MG). No Unileste, o professor é responsável pelas atividades do Laboratório de Inteligência Computacional (LIC) e pelo projeto de extensão Informática Solidária (Infosol).

Projeto de Nilsinho divulga Fabriciano participa de Fórum do EJA o Código do Consumidor EDUCAÇÃO

FABRICIANO - Representantes da Secretaria de Educação e Cultura da Prefeitura de Coronel Fabriciano marcam presença no 33º Fórum da Educação de Jovens e Adultos (EJA) do Leste de Minas Gerais. O evento será realizado nesta sexta-feira (20), a partir das 18h30, no Centro Educacional Católica de Minas Gerais (CEC-MG), no bairro Timirim, em Timóteo. A iniciativa é da Secretaria do Fórum do Leste e da Secretaria Municipal de Educação de Timóteo, com apoio da Aperam e CEC-MG.

Com o tema “Práticas Curriculares Significativas”, o Fórum tem como objetivo discutir ações que norteiam a prática diária dos educadores desta modalidade de ensino, discutindo meios de como trabalhar conteúdos de forma a influenciar no dia-a-dia de cada um. O encontro debaterá temas nas áreas Português, Matemática, Geografia, História, Ciências, Artes, Inglês, Educação Física, Educação Inclusiva, Multiseriada, Alfabetização A e B e Psicopedagogia. “Este Fórum é um im-

portante espaço para que possamos discutir, refletir e redirecionar os trabalhos desenvolvidos na Educação de Jovens e Adultos, uma vez que esta modalidade está cada vez mais diversificada. Antes, adultos e idosos nos preocupavam. Hoje, além deste público, o programa está recebendo adolescentes que abandonaram as salas de aula e querem retomar os estudos”, avalia a gerente administrativo da Secretaria de Educação e Cultura de Fabriciano, Rosa Monteiro.

IPATINGA – O vereador Nilson Lucas, Nilsinho (PMDB), levará para votação na reunião da Câmara desta sexta-feira (20), o Projeto de Lei de sua autoria, que institui no município de Ipatinga a Semana de Divulgação e Conscientização do Código de Defesa do Consumidor nas Escolas Municipais. Segundo o vereador, a iniciativa tem por objetivo a valorização do conhecimento sobre a relação de consumo entre consumidor e fornecedor, através da distribuição de material alusivo ao Códi-

go de Defesa do Consumidor aos alunos, que passarão aos pais o conhecimento adquirido nas escolas, além de se tornarem cidadãos conscientes dos seus direitos. “Sabemos que já avançamos muito com a criação do Código de Defesa do Consumidor, mas acreditamos e temos certeza de que poderemos avançar muito mais, pois as nossas crianças e alunos de hoje, estarão, no futuro, transmitindo todas as informações recebidas a seus pais e colegas”, finalizou o vereador. A reunião plenária será às 14h.


brasil

Diário Popular

Sexta-feira, 20 de maio de 2011

ESCÂNDALO

9

ENEM 2011

Impressão das provas terá monitoramento eletrônico Dispositivo será instalado na gráfica para detectar possíveis erros de impressão e impedir que provas com defeito sejam entregues aos alunos

Dominique está preso desde o último dia 14 em Nova York, acusado de abuso sexual

Dominique Strauss-Kahn renuncia à chefia do FMI BRASÍLIA - O diretorgerente do Fundo Monetário Internacional (FMI), Dominique Strauss-Kahn, renunciou anteontem (18) ao cargo. Ele está preso desde o último dia 14 em Nova York, após ser acusado de abuso sexual e tentativa de estupro por uma camareira de um hotel de Manhattan, onde estava hospedado. Mesmo depois de renunciar, Strauss-Kahn continua se declarando inocente das acusações. Em comunicado divulgado pelo FMI, StraussKahn, de 62 anos, disse ter informado ao comitê executivo do órgão sua intenção de deixar o cargo imediatamente. Ele afirmou que decidiu apresentar a renúncia “com infinita tristeza”. “Neste momento penso primeiro em minha mulher – a quem amo mais do que qualquer coisa –, em meus filhos, em minha família, em meus amigos. Também penso em meus colegas no Fundo; juntos, alcançamos tantas coisas grandes nos últimos três anos”, disse. Strauss-Kahn, que está detido na Prisão de Rikers Island, em Nova York, faria

um novo pedido de liberdade sob fiança ainda ontem (19). No começo desta semana, a Justiça de Nova York negou um pedido de fiança, no valor de US$ 1 milhão, alegando que ele poderia fugir dos Estados Unidos para a França, seu país de origem. Após reafirmar que nega “com a maior firmeza possível” as acusações contra ele, Strauss-Kahn disse querer proteger o FMI e dedicar toda a força e energia em provar sua inocência. O atual vice-diretor-geral, o americano John Lipsky, vem exercendo o cargo interinamente desde a prisão de Strauss-Kahn. A relação de potenciais candidatos, com o apoio dos europeus e norte-americanos, inclui a ministra das Finanças da França, Christine Lagarde, e o ex-primeiro-ministro da Grã-Bretanha, Gordon Brown. Dos países emergentes, querem concorrer ao cargo o ex-ministro da Economia da Turquia, Kemal Dervis, o presidente do Banco Central do México, Agustín Carstens, e o ex ministro das Finanças da África do Sul, Trevor Manuel.

BRASÍLIA – A edição de 2011 do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) terá algumas mudanças no processo de logística para evitar que erros cometidos em anos anteriores não se repitam. Uma das inovações será no processo de impressão. Segundo o diretor de Gestão e Planejamento do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep), Dênio Menezes, um novo dispositivo eletrônico será instalado na gráfica para detectar possíveis erros de impressão e impedir que provas com defeito sejam entregues aos alunos. No ano passado, um problema de impressão do material causou tumulto durante a aplicação. Um lote de 21 mil cadernos de prova amarelos apresentou erro na montagem. Eles não continham todas as 90 questões das provas de ciências da natureza e humanas. Os alunos prejudicados puderam

refazer o Enem. Além do problema com os cadernos amarelos, a folha em que os estudantes marcam as respostas estava com o cabeçalho das duas provas trocado. Segundo a gráfica, o erro ocorreu porque o controle de qualidade do material impresso era feito por amostragem, a cada 20 mil cadernos, já que o conteúdo do Enem é sigiloso e as provas não poderiam ser conferidas sob risco de vazamento de informações. A gráfica escolhida para o processo de 2011 é a mesma de 2010, a RR Donelley. Para que o erro não se repita, a inovação será o monitoramento eletrônico: por meio de códigos, uma máquina irá conferir se as provas estão montadas de forma correta ou se há erro no padrão de impressão. A escolha da gráfica sempre foi um ponto sensível na logística do Enem. Na

Edital não vai prever revisão da nota de redação BRASÍLIA – O edital do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2011, publicado ontem (19) no Diário Oficial da União, não prevê a possibilidade que o estudante recorra da nota obtida na prova de redação. Na edição do ano passado, candidatos entraram com ações no Ministério Público pedindo revisão das notas obtidas, mas os pedidos foram negados pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep). De acordo com a presidenta do Inep, Malvina Tuttman, a possibilidade de revisão ainda está sendo discutida com o Ministério Público. Ela considera justa a reivindicação, mas afirmou que caso fosse dado aos alunos essa possibilidade, os resultados do Enem demorariam muito para ser publicados, o que pode

atrapalhar o cronograma das instituições de ensino superior que usam o exame em seus processos seletivos. “Há diversas formas de perceber essa situação. A vista de provas e recurso é desejável, é um direito do estudante. Mas quando estamos tratando de um exame da abrangência do Enem, ficamos em dúvida sobre os resultados saírem imediatamente para que eles possam ser utilizados pelas instituições”, afirmou Malvina Tuttman. A correção das provas de redação seguirá o mesmo esquema da edição anterior do Enem. Dois técnicos corrigem o texto e caso haja divergência maior do que 300 pontos – a nota varia de zero a 1.000 – um terceiro professor é chamado para avaliar e dar a nota final.

O ministro da Educação, Fernando Hadadd: edital com as regras do Enem 2011 foi publicado ontem

avaliação do Ministério da Educação (MEC), há poucas gráficas no país capazes de atender o grande volume de impressão de material do exame – em 2010 foram 10 milhões de provas impressas

candidatos para que seja feito o trabalho de conferência da prova antes que ela comece a ser respondida. De acordo com a presidente do Inep, Malvina Tuttman, os participantes serão orien-

A escolha da gráfica sempre foi um ponto sensível na logística do Enem: há poucas gráficas no país capazes de atender o grande volume de impressão de material do exame e aptas a cumprir os requisitos de segurança necessários - e, ao mesmo tempo, aptas a cumprir os requisitos de segurança necessários. Em 2009, funcionários contratados pelo consórcio responsável pela aplicação do exame roubaram um caderno de provas de dentro da Gráfica Plural. Com o vazamento das questões, a prova teve que ser adiada, causando prejuízos aos alunos inscritos. O edital para 2011 também chama a atenção dos

tados pelos fiscais de sala a conferir se a prova contém todas as questões e se não há nenhum erro de impressão ou montagem do material recebido. Caso o estudante detecte algum problema, poderá substituir a prova defeituosa. No ano passado, muitos alunos só perceberam quando já tinham respondido parte das questões, o que teria prejudicado o desempenho deles.

Celulares terão controle maior BRASÍLIA - Algumas regras de segurança previstas na edição de 2011, como a proibição do uso de lápis, borracha e relógio durante a prova, continuam mantidas. A novidade este ano é um controle maior em relação aos celulares. Este ano, ao entrar na sala de aplicação das provas, o candidato terá que desligar o celular e depositálo em um porta-objetos, de onde só será retirado depois que ele terminar a prova.

“O uso de lápis e borracha não está permitido pensando nos estudantes que querem garantir a lisura do processo. Por respeito a eles, temos que coibir a possibilidade da utilização indevida desses materiais”, afirmou. Segundo Malvina Tuttman, todas as salas de provas terão marcadores de tempo para que os alunos possam se orientar durante a elaboração da prova sem que façam uso do relógio pessoal.


10

cultura

Diário Popular

Sexta-feira, 20 de maio de 2011

SHOW

Ana Bonfá interpreta mix de música gospel, blues e jazz Espetáculo “Ana Bonfá e amigos” acontece amanhã, às 20h30, no Centro Cultural Usiminas IPATINGA – Após o grande sucesso do lançamento do seu 1º CD “Recomeçar”, a cantora Ana Bonfá traz de volta, ao palco do Centro Cultural Usiminas, a boa música gospel brasileira, mesclada com o refinado blues e jazz clássico e contemporâneo. É o espetáculo “Ana Bonfá e amigos”, que acontece às 20h30 do dia 21 de maio. A cantora será acompanhada pelos amigos cantores e músicos Arthur Miranda, Ivany Monteiro, Big Band Mais Brasil e Val Trio Jazz. No repertório, alguns de seus sucessos e clássicos da música gospel com uma nova roupagem totalmente envolvente. A direção musical é de Wanderson Santos. BIOGRAFIA Nascida em Coronel Fabriciano, a cantora e fonoaudióloga destaca que, desde criança,

Divulgação

A cantora e fonoaudióloga Ana Bonfá cursou bacharelado em Música Sacra no Rio de Janeiro: amante da boa música

sempre esteve envolvida com a música. Cursou bacharelado em Música Sacra no Rio de Janeiro. Trabalhou como preparadora vocal do coro Fundação São Francisco Xavier e esteve à frente do Coro Infantil do Colégio São Francisco Xavier. Participou do Encontro Internacional de Coros, na Venezuela e de importantes mon-

tagens na região como nas récitas do oratório “Te Deum” de Charpentier, da opereta “A Viúva Alegre”, do Réquiem de Mozart. Com o grupo Mistura Fina, participou do espetáculo em homenagem a Ary Barroso. Atualmente, rege o Coral Infanto-Juvenil Vozes da Liberdade, do Centro de Referência da Assistência Social

(Cras), da Prefeitura de Coronel Fabriciano, e o Coral Unipac, do projeto Melhor Idade. Atua também como professora de canto em várias igrejas da região, preparando grupos de louvor e na Igreja Batista do Bom Retiro como coordenadora do Ministério de Música. Contato: Ana Bonfá 8843- 3230.

resumo de novelas malhação Globo, 17h20 Lúcio consegue escapar das acusações de Pedro e Catarina. Tereza descobre que criaram um perfil falso dela na internet. Dona Zica tenta convencer Maicon a esquecer Babi. Tereza chama João e Milena em sua sala e ele questiona a filha sobre o perfil da diretora na rede social. Claudia e Fausto chegam para conversar com Duda e ela sofre um novo desmaio. Milena nega veementemente as acusações de ter criado o falso perfil. Eric e Josiane temem pela saúde de Duda. Tereza pede que Dodói descubra quem criou a sua conta na rede social. Maicon tenta esquecer Babi, mas sai ao seu socorro quando descobre que ela se sentiu mal. Cláudia tem uma ideia para tentar ajudar Duda. Babi esboça um sorriso quando Raíssa fala sobre os sentimentos de Maicon por ela. Babi surpreende Maicon ao aceitar a sua ajuda. Pedro convence Duda a se tratar.

cordel encantado Globo, 18h15 Miguézim acalma Jesuíno e lembra que ele precisa de um exército para derrotar Timóteo. Florinda esquece seu xale na sala de projeção e Petrus fica com ele. Farid sai apressado com Filó e inventa uma desculpa para Bartira, deixando Salim desconfiado. Timóteo nomeia Tibungo seu administrador e avisa que as leis na fazenda irão mudar. Jesuíno convence os empregados da fazenda a se unir a ele contra o novo coronel. Miguézim fica perturbado por não conseguir ver o rosto do rei que irá salvar o sertão. Inácio consegue falar com Antônia. Farid pergunta a Batoré sobre as buscas a Penélope. Neusa compra ervas para engravidar. Herculano manda Cícero caçar comida para o bando. morde e assopra Globo, 19h15 Naomi aceita ajudar Salomé a casar Celeste com Abner. Palmira permite que Leandro entre na casa de Ícaro e ele vasculha

o quarto de Naomi. Marcos encomenda a Natália um jantar para comemorar a compra da fazenda com a família. Salomé pede que Celeste leve Josué para falar com ela. Natália arma contra a sogra. Xavier não gosta de saber que Daniel está morando na casa de Maria João. Dulce comenta com Guilherme que Márcia vai embora por causa dele e o aconselha a procurá-la. Júlia sugere a Abner que se casem no hotel em uma cerimônia simples. Minerva assina um contrato com Salomé e aceita pagar uma fortuna para escavar a fazenda de Abner. Guilherme vai atrás de Márcia na rodoviária e pede que ela fique. insensato coração Globo, 20h50 Norma confronta Léo, que nega suas acusações. Carol acredita que André tenha uma namorada e tenta fazê-lo falar sobre o assunto. Leila teme que a briga com seu pai a afaste de André. Pedro fala para Marina sobre as suspeitas em relação ao an-

tiquário que visitou. Norma decide mudar o seu visual. André não consegue conversar com Júlio. Léo afirma a Wanda que a levará para morar com ele no Rio de Janeiro. Eunice humilha Natalie. Pedro consegue uma foto da imagem supostamente roubada e mostra ao delegado Freitas. Carol fica contrariada depois de ouvir uma ideia de Raul ser aprovada por Vitória e Oscar. Cortez contrata Léo para ser seu braço direito no banco. Norma procura mais pistas sobre Léo. Rafa fica indignado com a notícia do envolvimento amoroso de seu pai com Natalie. Carol pensa no que Joel lhe falou sobre André e fica intrigada. André procura Leila. Pedro comenta com Léo sobre a visita de Irene. Leila é roubada e André oferece seu apartamento a ela. Léo janta com Natalie e Cortez. Norma encontra o taxista que conduziu Léo após seu encontro com ela. O motorista conta para Norma onde deixou Léo na noite anterior. Carol vai à casa de André e encontra Leila.

Horóscopo do dia Áries Reflita sobre o significado real de poder, autoridade e carreira, nativo de Áries. Emoções não estão desvinculadas das realizações. E autocontrole emocional não significa repressão. Transformações estão ocorrendo nos objetivos, ambições e na vida profissional.

Libra Poderosas transformações internas, emocionais e familiares ocorrendo com os librianos. Reconstrução de suas bases, alicerces e da história do passado familiar e emocional. Capacidade de superar adversidades. Renascimento interno. Mas saiba o que é realmente essencial.

Touro Busque o sentido mais profundo dos acontecimentos. Viagens podem transformar a sua vida. Há conceitos, crenças e paradigmas que já não servem mais a sua evolução, nativo de Touro. Terá coragem de se deixar transformar por uma verdade interior? Aprofunde a sua busca.

Escorpião Plutão e Lua estão em Capricórnio, intensificando percepções e emoções escorpianas. Dia em que você deve estar atento ao que se passa em níveis mais profundos da realidade. Pensamentos e atitudes devem ser transformados. Perceba o que está inconsciente ou reprimido.

Gêmeos Questões materiais têm relevância, mas são apenas a ponta do iceberg, geminiano. Há questões mais profundas envolvendo as finanças e o que está sendo compartilhado entre as pessoas. Amadurecimento emocional e desapego necessários a sua evolução, nativo de Gêmeos.

Sagitário Importante mudança de valores está ocorrendo com os sagitarianos, com reflexos materiais. Redescubra os seus talentos e dons. Isso pode causar uma mudança financeira, sagitariano. Cuidado com a insegurança e a tentativa de controlar o que é, por natureza, incontrolável.

Câncer Perceber que não tem o controle dos relacionamentos é uma verdade desafiadora. Muitas transformações estão em andamento nas relações. Os vinculos podem se aprofundar e renascer. É preciso abrir mão do controle. A vida é mais sábia do que as racionalizações humanas.

Capricórnio Lua e Plutão estão conjuntos em seu signo, indicando intensidade emocional. Dia em que você deve ter um olhar mais profundo e perspicaz sobre o que sente, capricorniano. Atenção com atitudes controladoras. Desafios na vida pessoal e profissional. Revelações.

Leão O corpo fala e é preciso escutálo, pois revela o que você está reprimindo. A saúde e o trabalho são palcos de profundas transformações. Aprimorar-se é fundamental. Atenção com a tendência a conflitos de poder no ambiente de trabalho. Curas importantes.

Aquário Dia importante para uma restauração de energias emocionais, físicas e psíquicas. Transformações internas que são um reflexo do que está ocorrendo com a humanidade. Percepção intuitiva. Cuidado com receios, repressão e bloqueios emocionais. Conscientize-se.

Virgem Cuidado com as atitudes controladoras e manipulativas. Emoções sendo transformadas. Atenção com o ego que tudo tenta controlar, por medo de perder o domínio, virginiano. Situações tensas podem envolver sentimentos, relação amorosa e contato com crianças.

Peixes Importantes situações envolvendo amigos, grupos, empresas e finanças, pisciano. Percepção do papel transformador de certos propósitos e pessoas com quem há fortes vínculos. Chegar a um consenso não significa fugir de conflitos. Dia de grandes desafios, nativo de Peixes.

CINE DO VALE DO AÇO

Eu Sou o Número Quatro (Dublado) Sala 3 - Segunda a Sexta: 19h10 Sala 3 - Sábado e Domingo: 14h30 - 19h10 Rio (Dublado) Sala 1 - Diariamente: 16h00 - 20h15 Thor (Dublado) Sala 3 - Diariamente : 16h45 - 21h20 Velozes e Furiosos 5 (Dublado) Sala 2 - Segunda a Sexta: 16h10 - 18h50 - 21h30 Sala 2 - Sábado e Domingo: 13h30 - 16h10 - 18h50 - 21h30


cultura

Diário Popular

Sexta-feira, 20 de maio de 2011

11

8ª Cinedocumenta prossegue até domingo Evento vem sendo realizado em vários pontos do Vale do Aço IPATINGA - A 8ª Cinedocumenta, promovida com o patrocínio da Usiminas, ganha sequência no final de semana com uma extensa programação, que será desenvolvida simultaneamente em Ipatinga, Timóteo, Coronel Fabriciano e Santana do Paraíso. A mostra de cinema, aberta na última segunda-feira sob o tema “Viva o Povo Brasileiro”, vem atraindo grande e diversificado público. Pessoas de todas as idades, sexo, nível de escolaridade, profissionais das áreas mais variadas têm prestigiado a Cinedocumenta. “Esse pluralismo tem tudo a ver com o título da mostra, que como explica João Ubaldo Ribeiro, autor do livro homônimo, convida as pessoas a viverem o nosso povo, resultado da miscigenação”, comenta Éderson Caldas, produtor da Cinedocumenta, que faz um balanço sobre as exibições. ENTREVISTA A mostra foi aberta no início da semana com a exibição de uma entrevista de João Ubaldo, gravada em sua casa por Éderson Caldas e pelo cineasta Joel Pizzini, um dos oficineiros da Mostra. No vídeo, Ubaldo

ror e o sublime do urbano em constante transformação, numa era onde não há nada acabado, definitivo. Nesse filme, a construção e a destruição são apresentadas a todo instante, como o que está posto diante dos nossos olhos nas grandes metrópoles”, analisa.

Luiz Carlos Lacerda, durante oficina no Parque Ipanema

fala sobre o seu livro “Viva o Povo Brasileiro”, e diz que a realidade é mais absurda que a ficção. A exibição dos filmes foi iniciada com “5 X Favela”, um longa ficcional. A projeção foi seguida de debate entre Luciana Bezerra, diretora de “Acende a luz”, um dos episódios do filme; o professor, teólogo e filósofo Nazareno Athaíde e o cineasta Sávio Tarso, curador da Mostra. Nascida na Rocinha, Luciana Bezerra conta que, com sua obra, quis desmitificar a favela e mostrar que há possibilidade de vida na periferia. “Eu me inspirei na minha família, que é muito unida e festeira. Ninguém tem passagem pela polícia. Conquistamos tudo com trabalho”. O fato de o evento ter sido aberto com um filme de ficção motivou um bom debate. Luciana Bezerra diz que “5 X Favela” é muito parecido com documentário, pois havia um propósito dos seus diretores de produzir uma obra ficcional que se aproximas-

se muito da realidade. “Com sensibilidade, a gente vai navegando entre a ficção e o real. Criando ficção com traços do real e vice-versa”, pontua. Em sua fala, o cineasta Joel Pizzini, oficineiro da Cinedocumenta, disse que assim como o cineasta Goddard, ele não concebe a ficção e o documentário como opostos. Em seguida, citou a frase do vanguardista francês, “todos os grandes filmes de ficção tendem ao documentário, como todos os grandes documentários tendem à ficção”. UNILESTE Na noite da última terça-feira, o Unileste foi palco da Mostra, que reuniu cineastas no debate: Encontro com realizadores. Participaram do evento a doutora em comunicação, Ivana Bentes; e os cineastas Luciana Bezerra, Tatiana Carvalho, Joel Pizzini, Sávio Tarso e Marcos Pimentel, direto de Pólis, assunto do bate-papo. Segundo Pimentel, seu filme foi construído com o propósito de retratar o hor-

REFLEXÕES Tatiana Carvalho propôs reflexões sobre questões contemporâneas, como a falta de generosidade com a produção documental. “A gente faz filme, exibe nos festivais. E aí? É só isso? A mídia não facilita a acessibilidade a esses trabalhos”, sublinha. Em seguida, a cineasta aponta a Cinedocumenta como uma porta que abre espaço para a difusão dos documentários. “Essa é a grande possibilidade que temos no Vale do Aço, de termos valorizado o cinema-documentário”, afirma. Ivana Bentes, afinada com Marcos Pimentel, observou que Pólis retratou bem a falta de identidade das grandes metrópoles, um dos propósitos do filme. “A singularidade das cidades, o que as identifica não marca mais esses espaços. Isso fica evidente na obra de Pimentel”. Em seguida, Ivana contempla a singularidade que marca “5 X Favela”. “O filme sai dos clichês construídos pela indústria cinematográfica, mostra a diversidade do povo brasileiro. Pessoas não são algo genérico”, fala.

Programação de 20 a 22 DIA 20 DE MAIO – sexta-feira Auditório da Biblioteca Central de Ideias 16h - Sessão Comentada “Margem” (54min, RJ, Direção: Maya Dá-Rin) PARQUE IPANEMA 19h30 - Sessão de Curtas “Fogo. Doc” (5min, Florianópolis, Direção: Leandro Andrade) “Satélite Bolinha” (9min, RJ, Direção: Bruno Vianna) “ÓEUAÍ” (2min, BH, Direção: Ricardo Mehedff ) “Eldorado: a esperança e o desespero” (5min, RJ, Direção: Paula Moreira) “Retratos” (17min, Recife, Direção: Leo Tabosa e Rafael Negrão) “Esse é o carnaval da superação” (18min, SP, Direção: Diogo Leite) 21h - Sessão de Longa “Seu Cavaco, Dom Bandolim e o Choro do Mestre Duduta na Rainha da Borborema” (52min, Campina Grande – PB, Direção: Riccardo Migliore e Thaíse Carvalho) DIA 21 DE MAIO – sábado COMUNIDADE COCAIS DOS ARRUDAS 19h - Sessão de Curtas “Congado, Tradição e Fé” (18min, Timóteo – MG, Direção: Elizeu Mol) “Tebei” (20min, Olinda, Direção: Gustavo Vilar, Hamilton Costa, Paloma Granjeiro e Pedro Rampazzo) “A Boate Azul” (14min, Cruzeiro da Fortaleza – MG, Direção: Cássio Pereira dos Santos) PARQUE IPANEMA 19h30 - Sessão de Curtas “Angeli 24h” (25min, Rio de Janeiro, Direção: Beth Formaggini) “Urbanographia Digitalizada de Baixa Resolução – versão beta” (14min, Curitiba, Direção: Diogo Marques) “Projeto Audiovisual Cubatão Sinfonia” (17min, Santos, Direção: Letícia Sonnewend) 21h - Sessão de Longa “Noel Rosa, Poeta da Vila e do Povo” (123min, Goiânia, Direção: Dácio Malta) DIA 22 DE MAIO – domingo 18h - Comunidade Achado dos Pretos “O Vale dos Quilombos” (40min, SP, Direção: Chico Guariba) PARQUE IPANEMA 19h30 - Sessão de Médias “Se eu não tivesse amor” (45min, RJ, Direção: Geysa Chaves) “Barras e Barreiras, Retrato de Kelly Alves” (38min, Campina Grande – PB, Direção: Riccardo Migliore) 21h Encerramento, com a exibição do curta, resultado da Oficina de Realização.

Peça teatral ‘O Menino e a Árvore’ é apresentada em praça do Iguaçu IPATINGA – Nesta sextafeira (20), às 16h, o público do Vale do Aço poderá conferir, gratuitamente, a apresentação do premiado espetáculo infantil “O Menino e a Árvore”, da Cia Trupe da Alegria. A sessão acontece na Praça da Escola Municipal Mª Rodrigues Barnabé (Rua Topázio, 165, Iguaçu - Ipatinga) como parte da programação do Cazumbá - Mostra de Artes Cênicas e Música do Espaço de Criação Bruta. A cada edição, o Cazumbá seleciona quatro trabalhos de artistas independentes ou grupos de todo Estado na área

Gustavo Jácome

das artes cênicas. A proposta é estimular a criatividade, reunir artistas e proporcionar ao público o acesso a uma diversidade de linguagens do teatro popular. HISTÓRIA Livremente inspirado no conto “A Árvore Generosa” (1940), de Shel Silverstein, e traduzido pelo talentoso escritor brasileiro Fernando Sabino, “O Menino e a Árvore” leva às crianças e adultos uma verdadeira lição de amizade, amor e preservação ambiental. A dramaturgia é de Beto Oliveira e da Cia Trupe

A peça foi livremente inspirada no conto “A Árvore Generosa” (1940), de Shel Silverstein, e traduzida por Fernando Sabino

da Alegria. A peça narra a história de amor entre uma árvore e um menino. A árvore é a ami-

ga amorosa que dá tudo ao menino: suas folhas, frutos e sombra. O menino também ama a árvore, a grande compa-

nheira de todos os dias: sobe em seu tronco, pendura nos galhos e brinca de esconde-esconde. Até que vai crescendo, se torna adolescente, depois adulto. E, pouco a pouco, por circunstâncias da própria vida, deixa a amiga de lado. Com duração de 30 minutos, a montagem encanta o público por somar música, percussão e dança. No espaço cênico, alguns objetos simples se transformam, surpreendendo e encantando o público. Em cena, cinco atores dão vida a narradores, que ao mesmo instante que contam a história, vivem os personagens

que dela fazem parte. “O Menino e a Árvore” também resgata cantigas de roda, como Alecrim, e brincadeiras como pula corda, bobinho e pedra, tesoura e papel. O espetáculo emociona crianças e adultos, ao sensibilizar o público sobre o valor da amizade e a importância da preservação do meio ambiente. SERVIÇO O Menino e a Árvore (Teatro Infantil) 20/05 (6ª feira) - 16h Praça da Escola Maria Rodrigues Barnabé (Rua Topázio, 165, Iguaçu – Ipatinga) Entrada gratuita


CIANO

12

MAGENTA

AMARELO

PRETO

esporte

Diário Popular

Sexta-feira, 20 de maio de 2011

CRUZEIRO

Alvoroço na Cidade Administrativa BH - Jogadores, comissão técnica e dirigentes do Cruzeiro, campeão mineiro de 2011, foram recebidos pelo governador de Minas, Antonio Anastasia, ontem, na Cidade Administrativa, para uma homenagem pela conquista. Mesmo sendo atleticano assumido, Antonio Anastasia fez questão de saudar os cruzeirenses na sede do governo. “Na verdade, é uma homenagem que o governador de Minas faz ao campeão do Estado. Faz parte das funções e faço com muito gosto. Apesar de não ser cruzeirense, é sabido que sou atleticano, mas o Cruzeiro conquistou com seus méritos o

Atleticano confesso, o governador Antonio Anastasia se rendeu à vitória do Cruzeiro

campeonato e recebe aqui nosso aplauso e naturalmente eu queria cumprimentá-lo”. ATENÇÃO O governador deu

atenção especial ao goleiro Fábio e ao volante Henrique, os dois cruzeirenses convocados para a Seleção Brasileira nesta quinta-feira. “Dei

TEM CERTAS COISAS QUE FAZEM PARTE DO SEU DIA A DIA E VOCÊ NEM PERCEBE. A INDÚSTRIA É UMA DELAS.

os parabéns aos dois. Certamente teríamos outros jogadores em Minas Gerais aptos à Seleção, mas esses dois já representam muito bem e vamos

torcer para que novos jogadores sejam revelados nos clubes mineiros para jogar na Seleção e ajudarem não só agora, mas na conquista da Copa do Mundo em 2014”. Anastasia aproveitou a homenagem para desejar sorte ao Cruzeiro e aos dois outros clubes mineiros, Atlético e América, na disputa do Brasileirão, que se iniciará neste fim de semana. “Vamos torcer agora para que nossos times tenham um belo desempenho no Campeonato Brasileiro. De 20 times, nós temos três. Há muitos anos isso não ocorria. América, Atlético e Cruzeiro estão muito preparados para fazer um belo de-

sempenho no Brasileiro. Vamos torcer para que o título dessa vez fique em Minas”. ASSÉDIO Durante a visita, a presença dos campeões causou euforia nos prédios que abrigam as secretarias de estado. Funcionários deixaram o trabalho para tirar fotos e pegar autógrafos dos jogadores. Os mais assediados foram o volante Henrique e principalmente o goleiro Fábio, chamados por Mano Menezes para defender o Brasil nos amistosos de 4 de junho, contra a Holanda, em Goiânia, e 7 de junho, contra a Romênia, em São Paulo. (UAI)

UMA INSTITUIÇÃO PRESENTE NA SUA VIDA E NA DE TODOS OS MINEIROS. Quando o Sistema FIEMG faz pela indústria, ele também faz por você. Ao capacitar profissionais para o setor, o Sistema FIEMG forma cidadãos para a vida. Ao contribuir para o aperfeiçoamento das cadeias produtivas, ele estimula o crescimento regional do Estado. O Sistema FIEMG investe na inovação, no desenvolvimento de novas tecnologias, na educação e na qualidade de vida dos trabalhadores. E o resultado só pode ser este: o crescimento da indústria e também dos mineiros.

Jornal 20-05-2011  

CONFERÊNCIA VACINAÇÃO SAúDE JUSTIÇA MAGENTA AMARELO PRETO Região Metropolitana do Vale do Aço - Ano III - Número 1.134 - Sexta-feira, 20/05/...

Advertisement