Page 3

CIDADES V I S I TA T É C N I C A

Diário Popular

Quinta-feira, 25 de abril de 2013

ACS/PMT

Representantes da Prefeitura mostraram aos técnicos do Ministério a realidade da Saúde timotense

Timóteo pede mais recursos para Saúde

TIMÓTEO - A Prefeitura Municipal apresentou ao Ministério da Saúde, nesta quarta-feira (24), uma série de demandas e pedidos de recursos para obras e melhorias no setor. São projetos para construção e reforma de Unidades de Saúde, contratação de profissionais, aquisição de equipamentos e implantação de novos programas, entre outros pedidos para ampliar e reforçar a rede básica de atenção à saúde. As reivindicações da PMT foram apresentadas a uma comitiva de quatro técnicos e consultores do Ministério da Saúde, que passaram quase todo o dia na cidade. Pela manhã, eles tiveram uma reunião com o prefeito Keisson Drumond (PT), com o vice-prefeito Renato Araújo, com o secretário municipal de Saúde, Ricardo Martins Araújo, técnicos da área e da Superintendência Regional de Saúde (SRS). À tarde, os técnicos do Ministério da Saúde fizeram visitas a algumas Unidades de Saúde, como as de Cachoeira do Vale e do Alegre. Além disso, eles estiveram no Hospital Vital Brazil, onde se encontraram também com o diretor da SRS, Anchieta Poggiali, visitaram

as obras de ampliação da unidade e o Centro de Saúde João Otávio, no bairro Olaria. NECESSIDADES A equipe da Secretaria Municipal de Saúde fez uma apresentação da situação para os técnicos do governo federal e apresentou as principais necessidades para ampliar a cobertura da Estratégia Saúde da Família (ESF) e melhorar também o atendimento de urgência e emergência. Uma das reivindicações da Prefeitura de Timóteo é a criação do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU). O prefeito Keisson Drumond pediu também ajuda do Ministério da Saúde para a construção de novas Unidades. Entre as obras reivindicadas estão mais duas Unidades Básicas de Saúde, para os bairros Limoeiro e Ana Rita, e uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA), no bairro Primavera, para a qual já existem R$ 2 milhões no Orçamento. Foi pedida ainda ajuda para custeio, como o Centro de Saúde João Otávio, que custa mensalmente quase R$ 700 mil à Prefeitura de Timóteo.

3

HMC

Anastasia visita Ipatinga para inauguração de obras

IPATINGA - O governador Antonio Anastasia participa, nesta quinta-feira (25), em Ipatinga, da solenidade de inauguração das obras da primeira fase do plano de modernização do Hospital Márcio Cunha. O projeto de expansão contou com investimentos de R$ 5,6 milhões do Governo de Minas. Em seguida, Antonio Anastasia visita a sede da Agência de Desenvolvimento da Região Metropolitana do Vale do Aço (ARMVA), onde assina despacho governamental determinando prioridade na elaboração do Plano Diretor de Desenvolvimento Integrado (PDDI) da Região Metropolitana. IMPRENSA O governador falará com a imprensa ao final da cerimônia no Hospital Márcio Cunha. Durante audiência no início da semana com representantes do Sindicato dos Jornalistas e do Comitê Rodrigo Neto, Anastasia adiantou que pretende tranquilizar a imprensa e a população de Ipatinga em relação aos crimes violentos ocorridos na cidade, que já vitimaram dois profissionais de comunicação, o jornalista Rodrigo Neto e o fotojornalista Walgney Assis Carvalho. “Minas Gerais não pode tolerar estes atentados ao Estado Democrático de Direito ao direito constitucional à liberdade de expressão. Doa a quem doer, vamos apurar estes crimes até as últimas consequências”, disse o governador durante a audiência.

Agência Minas

O secretário de Gestão Metropolitana Alexandre Silveira e o governador Anastasia assinam o Plano Diretor de Desenvolvimento Integrado

Governador e Silveira assinam PDDI da RMVA

IPATINGA - Nesta quinta-feira (25), depois de inaugurar obras de reforma e ampliação no Pronto Socorro do Hospital Márcio Cunha (HMC), às 15h, o governador Antonio Anastasia e o secretário de Estado de Gestão Metropolitana, Alexandre Silveira, oficializam o início da elaboração do Plano Diretor de Desenvolvimento Integrado (PDDI) da Região Metropolitana do Vale do Aço. Na Agência de Desenvolvimento da Região Metropolitana do Vale do Aço (ARMVA), onde cumpre, às 16h, agenda com lideranças regionais, Anastasia anuncia outros investimentos para região. PAPEL À Agência compete apoiar a execução de funções públicas de interesse comum, que englobam atividades ou serviços, cuja realização por parte de um município, isoladamente, seja inviável ou cause impacto nos outros inte-

grantes da região metropolitana, como transporte intermunicipal, saneamento básico, drenagem de águas pluviais, aproveitamento dos recursos hídricos e sistema de saúde. INTEGRANTES Com personalidade jurídica pública, autonomia administrativa e financeira e prazo de duração indeterminado, a ARMVA está vinculada à Secretaria de Estado Extraordinária de Gestão Metropolitana (Segem) e integra os municípios de Ipatinga, Coronel Fabriciano, Timóteo e Santana do Paraíso, além dos que fazem parte do seu Colar Metropolitano: Açucena, Antônio Dias, Belo Oriente, Bom Jesus do Galho, Braúnas, Bugre, Caratinga, Córrego Novo, Dom Cavati, Dionísio, Entre Folhas, Iapu, Ipaba, Jaguaraçu, Joanésia, Marliéria, Mesquita, Naque, Periquito, Pingo d’Água, São José do Goiabal, São João do Oriente, Sobrália e Vargem Alegre.

25/04/2013  

25/04/2013

25/04/2013  

25/04/2013

Advertisement