Issuu on Google+

DIÁRIOPOPULAR JORNAL DE VERDADE

Região Metropolitana do Vale do Aço - Ano VII -Número 1.732 - Quarta-feira - 24/07/2013 - R$ 1,00

INDICIADOS

Vereador e PM são apontados como matadores As investigações da Polícia Civil de Belo Horizonte em Ipatinga resultaram no indiciamento de 16 pessoas por homicídio, incluindo seis policiais civis e três militares. Entre os presos estão o policial militar Victor Emmanuel Miranda, apontado como o justiceiro da moto verde. Ele foi indiciado por duas mortes, mas ainda é investigado em outros inquéritos. Também foi indiciado o detetive Elton Pereira da Costa, vereador em Santana do Paraíso pelo Partido dos Trabalhadores. Ele foi apontado como autor em um duplo homicídio ocorrido no distrito de Ipabinha, em 2010.

E M FA M Í L I A

GRUPO DE EXTERMÍNIO

Alessandro, o Pitote, matou Rodrigo e Carvalho

LUTO

MPB perde o sanfoneiro Dominguinhos

Emerson Morais comandou as investigações em Ipatinga

PC desvenda morte de Rodrigo Neto, Carvalho e mais sete casos

Morreu ontem (23) em decorrência de complicações infecciosas e cardíacas, o sanfoneiro, compositor e cantor José Domingos de Morais, o Dominguinhos, de 72 anos, que nasceu em Garanhuns, em Pernambuco, em 12 de fevereiro de 1941. Dominguinhos lutava contra um câncer no pulmão. No sangue, dizem os amigos, trazia o dom da música, pois seu pai, mestre Chicão, era famoso na região como tocador e afinador de foles. Ao longo da carreira, gravou 42 discos e teve como padrinho de sua carreira o Rei do Baião, Luiz Gonzaga, que conheceu ainda menino, aos 8 anos. Página 10

FANTOCHES

Irmãos de cabo Curso de investigações revela existir na região um grupo de Giramundo extermínio composto por policiais civis, militares e paramilitares; forçaAmarildo agiam ministra oficina tarefa vai continuar articulada e investigando, garantem autoridades como milícia O assassino do jornalista executor dos profissionais outros sete casos onde ha- ton Brandão. Além dos ca- de bonecos Dos nove casos apresentados nesta terça-feira pelo Departamento de Investigação de Homicídios e Proteção à Pessoa da Polícia Civil, oito estão concluídos ou em vias de serem finalizados. Entre os casos fechados, dois têm participação direta de irmãos do cabo da PM Amarildo Pereira de Moura, morto em fevereiro deste ano. O mais recente é o assassinato de Sebastião Ludovino Siqueira, de 66 anos, morto a tiros na porta de sua casa. A PC chegou a conclusão de que o idoso foi morto porque era pai de um dos assassinos do militar. O segundo caso envolve Joaquim Pereira de Moura, outro irmão de Amarildo. Ele é apontado como um dos assassinos de Eduardo Luiz da Costa por causa de uma dívida.

Rodrigo Neto e do repórter fotográfico Walgney Carvalho é a mesma pessoa. Alessandro Augusto Neves, o Pitote, foi apontado em investigações da Polícia Civil de Belo Horizonte como o

da imprensa em 8 de março e 14 de abril, respectivamente. A informação foi apresentada ontem (23) pelo Departamento de Investigação de Homicídios e Proteção à Pessoa, que fez um balanço de

via suspeitas de envolvimento de policiais. A audiência trouxe a Ipatinga a alta cúpula da PC como o responsável pelo DIHPP, Wagner Pinto, e o chefe da instituição em Minas Gerais, Cyl-

sos de Rodrigo e Walgney Carvalho, os policiais informaram que concluíram sete inquéritos, cinco deles anunciados na edição de ontem (23) do DIÁRIO POPULAR. Páginas 3 a 7

QUEIMA DE ARQUIVO

V I S I TA PA PA L

A morte do fotógrafo Walgney está esclarecida. O autor, Alessandro Neves, foi descoberto pelas investigações da Polícia Civil, que comprovou a autoria do crime por meio de provas contundentes. A principal delas foi o exame de balística dos projéteis que alvejaram os dois repórteres, atestando que o tiro foi disparado pela mesma arma. Indí-

Está sendo intensa a movimentação de fiéis que chegam de várias regiões do Brasil e do exterior para assistir hoje (24) à missa celebrada pelo papa Francisco na basílica do Santuário de Nossa Senhora Aparecida, a 180 quilômetros de em São Paulo. O templo foi fechado às 18h desta terça-feira, três horas antes do habitual, para que os agentes de segurança fizessem a última varredura para prevenir riscos para o pontífice, sua coPágina 9 mitiva e os fiéis.

Página 8

FUTEBOL

Djama Santos morre aos 84

Página 9

Carvalho foi morto Peregrinos chegam a Aparecida por saber demais cios como um falso álibi dado pelo suspeito e testemunho de pessoas próximas a ele permitiram que a polícia endossasse as provas que incriminaram o atirador. Segundo a PC, Carvalho foi morto porque dias antes deixou claro, para quem quisesse ouvir, que sabia quem havia matado Rodrigo Neto, o que caracterizaria uma queima de arquivo.

Agência Brasil

Agentes de segurança fazem a última varredura na Basílica antes da visita do pontífice


2

Diário Popular

OPINIÃO

Quarta-feira, 24 de julho de 2013

FRASES “Os setores conservadores começam a colocar as unhas do lado de fora e eu, que já estava cortando as minhas com os dentes, vou deixar a bichinha crescer”. Lula, afirmando que também vai colocar as unhas de fora para proteger Dilma Rousseff.

“Se os médicos brasileiros não querem trabalhar no sertão, que a gente traga médicos de fora. Ninguém quer tirar emprego de ninguém. Longe de mim tirar emprego de médico brasileiro, mas o que quero é dar emprego em lugar aonde não tem médico”. Idem.

“Eu, na verdade, acho que nós só vamos ter um país justo quando a gente não tiver empregada doméstica”. Idem, já mais exaltado, e sugerindo o fim da profissão ao comentar a concessão de novos direitos trabalhista à categoria.

www.diariopopularmg.com.br DIRETOR RESPONSÁVEL Fernando Benedito Jr. EDITOR RESPONSÁVEL Fernando Benedito Jr. O DIÁRIO POPULAR é uma publicação da A Gazeta Metropolitana Editora e Gráfica LTDA. CNPJ 07.366.171/0001-88 FALE CONOSCO Telefone: 3827-0369. diariopopular.redacao@gmail.com ADMINISTRAÇÃO E REDAÇÃO Avenida JK, 1290, bairro Jardim Panorama, CEP 35.164-245. OFICINA Rua Anápolis, 55, Veneza II, Ipatinga.

ESPAÇO PÚBLICO

Obras em dia na ponte do Barra Alegre Para concluir no prazo previsto as obras da ponte de acesso entre o bairro Limoeiro e a região do distrito de Barra Alegre, a Prefeitura de Ipatinga tem se empenhado diariamente na reforma da passagem. A ponte, cuja fundação foi danificada em decorrência do excesso das chuvas do mês de janeiro, teve as obras de recuperação iniciadas em junho e mantém em dia seu cronograma, conforme revela o secretário de Obras de Ipatinga, José Maria Ferreira. “A primeira etapa, que consistiu na construção do apoio da estrutura de nivelamento da ponte, já foi concluída. A partir desta semana, foi dado início à demolição do bloco danificado para posterior construção do novo apoio”, detalha o secretário. Acompanhando de perto as obras realizadas pela Prefeitura de Ipatinga, o aposentado José Marcolino Ramos (foto), morador do Barra Alegre há 14 anos, comemora a recuperação da ponte. “Estou muito satisfeito com a agilidade dos trabalhos realizados aqui”, declara o aposentado.

O Brasil que existe nos jornais (*) Luis Nassif

ARTIGO

Equívocos conceituais no governo do PT

(*) Leonardo Boff

Estimo que parte das razões que levaram multidões às ruas no mês de junho tem sua origem nos equívocos conceptuais presentes nas políticas públicas do governo do PT. Não conseguindo se desvencilhar das amarras do sistema neoliberal imperante no mundo e internalizado, sob pressão, em nosso país, os governos do PT tiveram que conceder imensos benefícios aos rentistas nacionais para sustentar a política econômica e ainda realizar alguma distribuição de renda, via políticas sociais, aos milhões de filhos da pobreza. O Atlas da exclusão social – Os ricos no Brasil (Cortez, 2004), embora seja de alguns anos atrás, mantém sua validade, como o mostrou o pesquisador Marcio Pochmann (O país dos desiguais, Le Monde Diplomatique, outubro 2007). Passando por todos os ciclos econômicos, o nível de concentração de riqueza, até a financeirização atual, se manteve praticamente inalterado. São 5 mil famílias extensas que detêm 45% da renda e da riqueza nacionais. São elas, via bancos, que emprestam ao governo; segundo dados de 2013, recebem anualmente do governo 110 bilhões de reais em juros. Para os projetos sociais (Bolsa Família e outros) são destinados apenas cerca de 50 bilhões. São os restos para os considerados o resto. Em razão desta perversa distribuição de renda, comparecemos como um dos países mais desiguais do mundo. Vale dizer, como um dos mais injustos, o que torna nossa democracia extremamente frágil e quase farsesca. O que sustenta a democracia é a igualdade, a equidade e a desmontagem dos privilégios. No Brasil se fez até agora apenas distribuição desigual de renda, mesmo nos governos do PT. Quer dizer, não se mexeu na estrutura da concentração da renda. O que precisamos, urgentemente, se quisermos mudar a face social do Brasil, é introduzir uma redistribuição que implica mexer nos mecanismos de apropriação de renda. Concretamente, significa: tirar de quem tem demais e repassar para quem tem de menos. Ora, isso nunca foi feito. Os detentores do ter, do poder, do saber e da comunicação social conseguiram sempre impedir esta revolução básica, sem a qual manteremos indefinidamente vastas porções da população à margem das conquistas modernas. O sistema politico acaba servindo a seus interesses. Por isso, em seu tempo, repetia com frequência Darcy Ribeiro, nós temos uma das elites mais opulentas, antissociais e conservadoras do mundo. Os grandes projetos governamentais destinam

ARTIGO

porções significativas do orçamento para os projetos que as beneficiam e as enriquecem ainda mais: estradas, hidrelétricas, portos, aeroportos, incentivos fiscais, empréstimos com juros irrisórios do BNDES. A isso se chama crescimento econômico, medido pelo PIB que deve se equacionar com a inflação, com as taxas de juros e o câmbio. Privilegia-se o agronegócio exportador que traz dólares à agroecologia, à economia familiar e solidária que produzem 60% daquilo que comemos. O que as multidões da rua estão reclamando é: desenvolvimento em primeiro lugar e a seu serviço o crescimento (PIB). Crescimento é material. Desenvolvimento é humano. Significa mais educação, mais hospitais de qualidade, mais saneamento básico, melhor transporte coletivo, mais segurança, mais acesso à cultura e ao lazer. Em outras palavras: mais condições de viver minimamente feliz, como humanos e cidadãos, e não como meros consumidores passivos de bens postos no mercado. Em vez de grandes estádios cujas entradas para os jogos são em grande parte proibitivas para o povo, mais hospitais, mais escolas, mais centros técnicos, mais cultura, mais inserção no mundo digital da comunicação. O crescimento deve ser orientado para o desenvolvimento humano e social. Se não se alinhar a esta lógica, o governo se vê condenado a ser mais o gestor dos negócios do que o cuidador da vida de seu povo, das condições de sua alegria de viver e de sua admirada criatividade cultural. As ruas estão gritando por um Brasil de gente e não de negócios e de negociatas; por uma sociedade menos malvada devido às desigualdades gritantes; por relações sociais transparentes e menos escusas que escondem a praga da corrupção; por uma democracia onde o povo é chamado a discutir e a decidir junto com seus representantes o que é melhor para o país. Os gritos são por humanidade, por dignidade, por respeito ao tempo de vida das pessoas para que não seja gasto em horas perdidas nos péssimos transportes coletivos mas liberado para o convívio com a família ou para o lazer. Parecem dizer: “Recusamos ser animais famintos que gritam por pão; somos humanos, portadores de espírito e de cordialidade que gritamos por beleza; só unindo pão com beleza viveremos em paz, sem violência, com humor e sentido lúdico e encantado da vida”. O governo precisa dar esta virada. (*) Leonardo Boff é teólogo e escritor.

Existe um jornalismo fastfood que se limita a seguir todo movimento de manada, a apresentar visões extraordinariamente simplistas da realidade ou a exercitar a opinião (leiga) sobre assuntos da maior profundiade. Em todos esses casos, valemse do expediente da “autoridade” - no caso, a possibilidade de sua opinião, por mais primária que seja, saia publicada em jornais de alta circulação ou em jornais de TV. Esse movimento teve início no pós-redemocratização e está estreitamente ligado ao florescimento dos âncoras de rádio de TV e seus bordões de fácil alcance - tipo “isto é uma vergonha”. Sempre valeu para rádio e TV, mas não tinha espaço entre formadores de opinião - categoria na qual se enquadravam os jornais, antes da deblacle dos últimos anos. Um dos mais fáceis recursos de marketing consiste em juntar um conjunto de temas negativos para concluir que tudo está negativo - ou o inverso. Por exemplo, junto a tortura a quatro réus acusados de um crime aqui, com um ato de vandalismo ali, algumas tragédias sanitárias acolá e passo ao leitor a percepção de que aqueles fragmentos de realidade se constituem no todo. Ora, países, estados, cidades, grandes empresas, são organizações complexas, das quais se pode extrair centenas de exemplos positivos e negativos. Poderia falar do evento da SBPC em Recife, da euforia dos jovens com a redescoberta da política, da ascensão da nova música brasileira, dos resultados da indústria naval, do trabalho excepcional de ONGs e OSCIPs em parceria com o setor público, da universidade do MST, da recuperação pontual das bolsas e dizer que o país é uma maravilha. O tal país terminal ou pujante não é o país real: é aquele que existe na cobertura da mídia, na cabeça do jornalista, no cérebro de quem não consegue enxergar além do retrato em branco e preto do momento. É o marketing da notícia, uma opção que os jornais escolheram para se tornarem irrelevantes junto à opinião pública que conta. (*) Luis Nassif é economista e autor do Luis Nassif On Line, onde este artigo foi originalmente publicado


CIDADES

Diário Popular

Quarta-feira, 24 de julho de 2013

GRUPO DE EXTERMÍNIO

3

DP

Os delegados que integraram a força-tarefa, Alessandra Wilke, Delmes Rodrigues e Emerson Morais, apresentaram os resultados

DP

O chefe da Polícia Civil, delegado Cylton Brandão, e o delegado Wagner Pinto

PC CONCLUI CASO RODRIGO NETO E ENCERRA OUTROS OITO INQUÉRITOS Força-tarefa vai continuar articulada e investigando pontos que ainda permanecem obscuros no decorrer das apurações feitas até agora IPATINGA - A Polícia Civil de Minas Gerais apresentou, nesta terça-feira (23), a apuração de nove inquéritos sobre homicídios ocorridos em Ipatinga e em outras cidades do Vale do Aço, incluindo o caso do jornalista Rodrigo Neto Faria e do fotógrafo Walgney de Assis Carvalho. A investigação é de responsabilidade da força-tarefa, criada em abril deste ano, composta por quatro delegados, três escrivães e 12 investigadores. Ao apresentar o resultado das investigações, os delegados da força-tarefa e da cúpula da Polícia Civil de Minas Gerais, na verdade, desvendam a existência de um grupo de extermínio que agia impunemente no Vale do Aço, composto por policiais civis, militares e paramilitares. PUNIÇÃO Durante a entrevista coletiva de imprensa, as autoridades reafirmaram que as investigações vão continuar até que se apure o mandante do assassinato de Rodrigo Neto e o envolvimento de outras pessoas

DP

Representantes da imprensa mineira e integrantes da cúpula da Polícia Civil durante a coletiva

na série de crimes. A punição de autoridades policiais que, por omissão ou envolvimento direto, deixaram que os crimes ocorressem impunemente também não foi descartada pelo delegado Wagner Pinto. Além do Caso Rodrigo Neto e do assassinato do fotojornalista Walgney de Assis Carvalho foram

reabertos nove inquéritos que apuraram a autoria do assassinato de 14 pessoas, tendo os crimes ocorrido entre 2007 e 2013, em Ipatinga e municípios vizinhos. Eles resultaram no indiciamento de 16 pessoas por homicídio, incluindo entre elas seis policiais civis e três militares. Outras três pessoas foram presas em flagrante por porte

ilegal de arma de fogo. RODRIGO O jornalista Rodrigo Neto Faria foi morto com três tiros, na madrugada de 8 de março de 2013, no bairro Canaã, em Ipatinga. Pouco mais um mês depois, no dia 14 de abril, o fotógrafo Walgney Assis de Carvalho também foi morto a tiros, em um pesque e pague

da cidade de Coronel Fabriciano. As investigações resultaram no indiciamento de Alessandro Neves Augusto, conhecido como Pitote, pelas duas mortes. No assassinato de Rodrigo Neto, ele agiu com a ajuda do policial civil Lúcio Lírio Leal. COMPLEXIDADE Ao abrir a entrevista coletiva nesta terça-feira, o Che-

fe da Polícia Civil, delegado Cylton Brandão, lembrou a complexidade das investigações e elogiou o trabalho realizado sob a coordenação do Departamento de Investigação de Homicídios e de Proteção à Pessoa (DHPP). Ele informou que os desdobramentos dos inquéritos certamente resultarão em procedimentos administrativos contra os policiais envolvidos e ainda contra outros que, eventualmente, forem implicados nos casos em apuração. CONTINUIDADE O chefe do DHPP, delegado Wagner Pinto, assegurou que outros cinco inquéritos continuam em andamento e que o trabalho da Força Tarefa Ipatinga continua, com o apoio da equipe da Delegacia Regional de Ipatinga. Os delegados Emerson Morais, Delmes Rodrigues e Alessandra Wilke, que presidiram os nove inquéritos apresentados, forneceram detalhes da investigação aos jornalistas, ressaltando o apoio do Serviço de Inteligência e do Instituto de Criminalística da Polícia Civil.


4

CIDADES

Diário Popular

Quarta-feira, 24 de julho de 2013

GRUPO DE EXTERMÍNIO

IRMÃOS E AMIGOS DE CABO AMARILDO SÃO INDICIADOS POR ASSASSINATOS

Investigação do DHPP apontou que dois assassinatos cometidos na região tiveram participação de irmãos de policial morto; força-tarefa desvenda um verdadeiro grupo de extermínio composto de policiais civis, militares e paramilitares IPATINGA – Além dos cinco casos já concluídos pela Polícia Civil apresentados ontem (23), os membros do DHPP relataram, durante coletiva de imprensa, o desfecho de mais dois casos investigados pela polícia. Nestes dois casos, irmãos do cabo da Polícia Militar, Amarildo Pereira de Moura, morto em 8 de fevereiro deste ano, aparecem como envolvidos diretos. O mais recente deles foi a morte de Sebastião Ludovino de Siqueira, conhecido como Tião, de 66 anos, assassinado a tiros no dia 22 de fevereiro de 2013. Segundo explicações do delegado Emerson Morais, a vítima era pai de Daniel Wattson, denunciado pelo Ministério Público pelo assassinato do cabo da PM. IRMÃOS Depois de prender dois indivíduos pela morte de Amarildo, a polícia procurava pelo terceiro suspeito, Daniel, que estava foragido da justiça. Em suas investigações, a PC concluiu que Geraldino Pereira de Moura, irmão de Amarildo, e Albertino Pereira da Costa Filho, amigo dele, teriam executados Sebastião, por motivo torpe. “O irmão do cabo e o amigo teriam matado o senhor Sebastião, pai do Daniel, para forçar o suspeito a comparecer ao velório do pai e assim ser preso pela Justiça, pois já havia mandado de prisão preventiva em aberto contra ele”, contou o delegado Emerson Morais. Daniel foi preso dois dias depois pela PM. O inquérito desta investigação foi concluído com o indiciamento do irmão do cabo e também do amigo Albertino. Ontem, a PC informou que Albertino Pereira se encontra preso, Geraldino Pereira de Moura, porém, está foragido da Justiça. COIOTE Outro irmão do cabo morto, Joaquim Pereira de Moura, também foi apontado pela investigações do DHPP como mandante de um crime ocorrido em agosto de 2007, no bairro Jardim Panorama, em Ipatinga. O comerciante Eduardo Luiz da Costa foi assassinado em uma via pública por um indivíduo sobre uma motocicleta verde que

Arquivo Pessoal

Polícia Civil

O amigo e o irmão de Amarildo, Albertino e Geraldino, respectivamente, estão envolvidos no assassinato de Sebastião Ludovino, pai de Daniel Watson, denunciado como matador de Amarildo Cabo Amarildo integrava um grupo de extermínio com ramificações na Polícia Civil e Militar

passou e efetuou os disparos. As investigações da Polícia Civil chegaram à informação de que a vítima devia uma quantia em dinheiro para Joaquim Pereira de Moura, que na época atuava como coiote, facilitando a entrada ilegal de pessoas nos Estados Unidos. Além disso, testemunhas relataram à PC que Eduardo mantinha um relacionamento amoroso com a ex-noiva de Amarildo Pereira, irmão de Joaquim, deixando o militar enciumado. ELIMINAÇÃO SUMÁRIA Assim, a PC concluiu que os irmãos uniram forças para dar fim à vida de Eduardo e chegou ao nome do soldado da PM Victor Emanuel Miranda de Andrade como o executor do crime, pois ficou comprovado que o militar seria amigo do cabo Amarildo. “Pela forma que Eduardo foi morto, não restam dúvidas que a execução foi planejada pelo trio (Amarildo, Joaquim e Victor). Os irmãos tinham interesse de ceifar a vida da vítima e Victor foi indiciado em outros crimes pelos mesmos modus operandi, além de ser amigo dos dois. Não restam dúvidas”, afirmou Emerson Morais. O inquérito da morte de Eduardo Costa foi concluído com o indiciamento de Joaquim Pereira de Moura e Victor Emmanuel Miranda de Andrade pela prática de homicídio qualificado, sendo requeridas as prisões preventivas dos dois. Os pedidos de prisão ainda estão sendo analisados pela Justiça. Quanto ao policial militar Amarildo Pereira de Moura,

foi requerido o arquivamento do caso, pelo fato de estar morto. Victor também aparece como indiciado pela PC e acusado pelo Ministério Público pela morte de Cleidson Mendes do Nascimento, o “Cabeça”, de 26 anos. O rapaz era testemunha de outro assassinato ocorrido na cidade em 2007, cujo principal suspeito era Victor Emmanuel. Ele foi assassinado a tiros por um homem em uma motocicleta no bairro Canaãzinho, em setembro de 2011. Pelo crime, Victor Emmanuel está preso desde 25 de abril. OUTROS INQUÉRITOS Outros casos também foram esclarecidos durante a coletiva pela Polícia Civil de Belo Horizonte. O mais antigo dos inquéritos é o duplo homicídio ocorrido em 8 de fevereiro de 2007, na avenida Macapá, no bairro Veneza. O mecânico Diunismar Vital Ferreira, mais conhecido como “Juninho”, de 41 anos, e o instalador de máquinas José Maria, de 58 anos, foram assassinados por dois homens, que fugiram em uma motocicleta. As investigações apontaram para uma motivação passional, uma vez que a companheira de Diunismar tinha um relacionando com o policial militar Charles Clemencius Diniz Teixeira. O capitão Charles Clemencius Diniz Teixeira foi indiciado como autor do crime e preso na sexta-feira (19), em Belo Horizonte. A ex-companheira de Diunismar, atual esposa do militar, também foi indiciada, mas responde

O soldado Victor Emmanuel, em um dos júris em que foi absolvido, é apontado por envolvimento em vários crimes e era um dos parceiros de Amarildo

em liberdade. As investigações, porém, não levaram a nenhum executor do crime. MORADOR DE RUA Também foram concluídas as investigações sobre a morte de um morador de rua ocorrida em 2009. O corpo de Célio Nunes foi encontrado em avançado estado de decomposição no dia 4 de abril do mesmo ano, em uma plantação de eucaliptos em Santana do Paraíso. O principal suspeito deste homicídio também é policial militar. O sargento Michel Luiz da Silva foi preso em junho deste ano pelo DIHPP, em Caratinga. CHACINA DO REVÉS Também foi desvendado pela força tarefa o crime da Chacina de Revés do Belém. Em 30 de outubro de 2011, os corpos de quatro adolescentes foram encontrados nus e com perfurações de arma de fogo no distrito da Caratinga.

John Enison da Silva, de 15 anos, Nilson Nascimento Campos, de 17 anos, Felipe Andrade, de 15 anos, e Eduardo Dias Gomes, de 16 anos, eram moradores do bairro Caravelas, em Ipatinga, e antes de desaparecerem foram vistos na delegacia da cidade. Por este crime, foram presos e posteriormente indiciados quatro investigadores da PC: Leonardo Alves Correa, José Cassiano Ferreira Guarda, Jimmy Casseano Andrade e Ronaldo de Oliveira Andrade, que se encontram na casa de custódia da instituição, no bairro Horto, em Belo Horizonte. TESTEMUNHA Ao ser preso pela polícia, o suspeito de ter matado Rodrigo Neto e Walgney Carvalho, Alessandro Augusto possuía em sua carteira um nome e telefone da testemunha chave para elucidação do crime contra os menores. O suspeito não soube explicar o motivo, mas a testemunha,

uma jovem de Ipatinga, foi incluída em um programa de proteção de testemunhas e não se encontra na cidade. IPABINHA No início do mês de julho, três investigadores foram indicados por um duplo homicídio e ocultação de cadáver ocorrido no bairro Ipabinha, em Santana do Paraíso, em 2010. Os corpos do lavador de carros Marcos Vinícius Lopes de Oliveira, de 18 anos, e Glauco Antônio Lourenço, de 22 anos, foram encontrados em julho de 2010, mas apenas agora o caso foi desvendado. Os policiais civis Ronaldo de Oliveira Andrade, de 40 anos, Fabrício de Oliveira Quenupe, de 30 anos, e o vereador Elton Pereira Costa, de 46 anos, foram denunciados pelo Ministério Público como os principais responsáveis pelas mortes. Eles foram detidos e tiveram suas prisões temporárias convertidas em preventiva pela Justiça.


CIDADES

Diário Popular

Quarta-feira, 24 de julho de 2013

5

CASO RODRIGO NETO

MOTOCICLETA VINCULA PITOTE A ASSASSINATO DE FOTO-JORNALISTA A motocicleta Tornado preta usada pelo assassino de Walgney Carvalho é a mesma emprestada a Pitote por um amigo; exame de balística também relacionou a arma do crime à morte de Rodrigo Neto Arquivo Pessoal

IPATINGA – Além de apresentar a trama sobre o assassinato do radialista e bacharel em Direito Rodrigo Neto de Faria, a Força-Tarefa da DIHPP também mostrou evidências que comprovam a participação direta de Alessandro Neves Augusto, vulgo Pitote, na execução de Walgney Carvalho no dia 14 de abril deste ano. Os exames de balística feitos nos projéteis recolhidos nos corpos de Rodrigo e Walgney revelaram que os disparos partiram da mesma arma. Além dessa prova técnica, segundo o delegado Emerson Morais as características da motocicleta usada pelo executor do foto-jornalista são as mesmas que a moto emprestada por um amigo a Pitote dias antes do crime. RASTRO Os investigadores chegaram até o homem que emprestou a motocicleta depois de descobrir que durante o tempo em que Pitote ficou preso no Presídio de Coronel Fabriciano – de outubro a novembro em 2012, pela tentativa de um homicídio na Festa do Arroz, em Vargem Alegre –, Alessandro recebeu a visita de apenas duas pessoas: de seu pai e de um amigo, que a polícia acredita ser aquele que lhe emprestou a moto dias antes de Walgney ser executado. Pitote pegou a motocicleta Tornado preta com o seu amigo no dia 12 de abril e a devolveu três dias depois. Em troca o homem ficou com a CB300 vermelha que era de propriedade do acusado. Outra informação que chamou a atenção da PC é que a motocicleta usada por Pitote durante o final de semana da morte de Carvalho estava suja de terra. Antes de morrer o foto-jornalista esteve na Serra do Cocais para registrar imagens de um encontro de cavaleiros durante a

Fotos: Polícia Civil

A moto CB 300 que teria sido utilizada no assassinato de Rodrigo Neto foi trocada por outra com um amigo para praticar a execução de Walgney Carvalho

Alessandro Neves, Pitote, disse que estava em Pingo D’água no final de semana em que Walgney Carvalho foi morto, mas o álibi do acusado foi refutado pela polícia

Pitote andava num Fiat Linea “clonado” que disse ter comprado por R$ 15 mil

tarde do dia 14 de abril. E postou esta informação seu Facebook – Pitote era amigo de Walgney Carvalho na rede social e, portanto, tinha informação privilegiada sobre seu paradeiro.

Em função da ameaça apresentada, a menor e os seus familiares foram incluídos no Programa de Proteção a Testemunhas e retirados de Ipatinga.

MANCHAS DE ÓLEO Depois do evento, Walgney se dirigiu a um Pesque-Pague (ele também postou esta informação no Facebook) e permaneceu no local até ser executado. Os primeiros levantamentos feitos pela PC, ainda na noite do homicídio, revelaram que o assassino do foto-jornalista esteve no estabelecimento pelo menos três vezes à procura da vítima. Em uma dessas idas a motocicleta usada por Pitote deixou uma mancha de óleo no local onde ficou estacionada O mesmo vazamento de óleo de motor também foi identificado pelos investigadores da DIHPP na garagem do proprietário da Tornado Preta. O depoimento deste amigo e de outras quatro

pessoas que presenciaram a entrega do veículo também serviram para comprovar a participação de Pitote na morte de Carvalho. ÁLIBI Durante depoimento sobre a execução de Carvalho, em sua defesa, Alessandro disse que esteve na cidade de Pingo D’água na casa de um amigo. Ele afirmou ainda que só voltou a Ipatinga na segunda-feira, dia 15 de abril, na parte da manhã, em um ônibus da “Viação São Dimas”. A PC descobriu que o álibi do acusado era forjado. Não existe a tal viação e os valores da passagens alegadamente pagos por Pitote são bem abaixo dos valores normalmente cobrados. O amigo que Pitote diz ter ido visitar negou à equipe da DIHPP que o tivesse visto naquela data. A prova técnica que também comprova que Alessandro estava em Ipatinga no dia no assassinato de Carvalho são as ligações feitas pelo telefone do acusado. Pitote decla-

rou que só soube da morte do foto-jornalista por volta das 11h do dia 15 de abril. Mas a PC tem uma testemunha que afirma ter ligado para o acusado às 9h para falar sobre a execução de Walgney. ATITUDES SUSPEITAS No momento de sua prisão pela equipe do delegado Emerson Morais, no dia 11 de junho, os investigadores encontraram na carteira de Alessandro um bilhete contendo o nome, endereço e telefone da adolescente considerada testemunha-chave da investigação da Chacina de Revés do Belém. Pitote não soube esclarecer que papel era aquele, nem o que fazia com ele em seu poder. No aparelho celular apreendido com o acusado também havia uma ligação feita para a Casa de Custódia da Polícia Civil em Belo Horizonte, local onde estão presos os quatro investigadores indiciados pela morte dos quatro adolescentes do bairro Caravelas.

QUEIMA-DE-ARQUIVO Para a Polícia Civil não restam dúvidas de que Carvalho foi morto como queima de arquivo. Ele chegou a ser ouvido pela equipe da DIHPP por ter declarado a alguns amigos que sabia quem matou Rodrigo Neto. Até mesmo um mandado de busca e apreensão foi expedido pelo Poder Judiciário na residência do foto-jornalista. Mas nada de suspeito chegou a ser localizado na época pelos investigadores. Assim como Walgney tinha livre acesso às instalações da 1ª Delegacia Regional de Polícia Civil de Ipatinga por realizar as imagens que eram usadas pelo setor de perícia criminal, Pitote também vivia pelos corredores das delegacias de Ipatinga e Coronel Fabriciano se passando por “investigador”, violava

cenas de crimes e se achaava no direito de fazer justiça com as próprias mãos. EXECUÇÃO O repórter fotográfico Walgney Assis Carvalho, 43 anos, foi morto no dia 14 de abril em um pesquepague no bairro São Vicente, exatos 37 dias após a execução do jornalista Rodrigo Neto. Segundo informações de testemunhas, um homem teria entrado no estabelecimento e, aproveitando o momento de distração de Carvalho, atirado três vezes contra ele. Já a perícia constatou que foram dois tiros que mataram Carvalho: um na nuca, próximo à orelha direita, e outro no tórax. Enquanto esteve na Serra do Cocais, área rural de Coronel Fabriciano, para fotografar um encontro de cavaleiros, a motocicleta do foto-jornalista ficou estacionada em frente ao Pesque e Pague, o que pode ter levado Pitote a estar por várias vezes no local para tocaiar a vítima.


6

CIDADES

Diário Popular

Quarta-feira, 24 de julho de 2013

GRUPO DE EXTERMÍNIO

PITOTE MATOU RODRIGO NE Ligação entre crimes foi comprovada por exames de balística e quebra de sigilo telefônico de envolvidos IPATINGA – A morte dos repórteres Rodrigo Neto e Walgney Carvalho foram cometidas pela mesma pessoa. Alessandro Augusto Neves, o Pitote, foi apontando pela Polícia Civil como o homem que atirou e matou os dois profissionais da imprensa do Vale do Aço, em um curto espaço de 36 dias. Ele atuou em conjunto com o investigador Lúcio Lírio Leal. A informação foi dada nesta terça-feira (23) durante coletiva de imprensa concedida pela alta cúpula da PC mineira e pelos delegados do Departamento de Investigação de Homicídios e Proteção à Pessoa (DIHPP) que apuraram os crimes. Enquanto a motivação da execução de Rodrigo Neto não foi totalmente esclarecida, a morte de Walgney Carvalho foi considerada uma queima de arquivo.

Arquivo Pessoal

Acusado de vários crimes e com mandado de prisão em aberto, Pitote tinha acesso franqueado às delegacias

DINÂMICA A força-tarefa vinda de Belo Horizonte para apurar o caso detalhou a dinâmica que levou à morte de RodriRELAÇÃO Rodrigo foi assassinado go Neto. De acordo com o deem 8 de março deste ano. legado Emerson Morais, que Dois homens em uma moto- presidiu o inquérito, foi feita cicleta abordaram o repórter uma investigação criteriosa da na avenida Selim José de Sa- vida pessoal e profissional do les e efetuaram cinco disparos radialista, em “um trabalho contra o jornalista. Já Carva- de extrema complexidade”, lho foi morto de forma seme- conforme avaliou. Na apuração deste homilhante: enquanto estava em um pesque pague de Coronel cídio, segundo a equipe, foFabriciano foi abordado por ram realizadas inúmeras dilium motociclista que alvejou e gências e utilizados diversos recursos investigatórios como fugiu em seguida. A relação entre os casos análise de vínculo e intercepfoi comprovada por provas tação telefônica. A quebra do sigilo das licomo o exame de balística, gações foi fundamental para que atestou que a arma utique os investilizada nos dois crimes foi a mes- A força-tarefa de Belo gadores da PC ma. Além disso, Horizonte levantou chegassem aos executores do a quebra do sique foram feitas 130 crime. Uma angilo telefônico dos envolvidos ligações telefônicas tena de telefofoi a chave para entre Lúcio e Pitote. nia celular que a elucidação do Após o crime até a atende à região do bairro Cacaso. data em que foram naã, onde RoAlém de presos, foram drigo foi morto, Alessandro, foi efetuadas mais de registrou dezepreso pela polícia por suspeita 200 chamadas de um nas de ligações entre os dois de participação para o outro. suspeitos do crina execução de me. Câmeras de Rodrigo o invessegurança do comércio tamtigador Lúcio Lírio Leal, de 22 anos, que atuou como um bém mostraram que o carro informante dos executores de Lúcio Lírio Leal circulou momentos antes do crime, pi- algumas vezes pelo caminho lotou a moto e foi preso com usado como rota de fuga da dupla que estava sobre motoum Fiat Strada roubado.

Arquivo Pessoal

O investigador Lúcio Lírio era amigo de Pitote: o dois trocaram mais de 300 ligações antes e depois do assassinato de Rodrigo Neto

No momento de sua aborcicleta. A função do investiga- sandro possuíam um grande dor seria atestar que o cami- vínculo de amizade. Os dois dagem pelo DIHPP, Pitote nho estaria livre no momento passaram a ser suspeitos do as- chegou a apresentar para os sassinato de Rodrigo e foram investigadores de Belo Horida fuga. zonte uma carteira falsa de poCerca de 10 minutos an- ouvidos pelo DIHPP. licial civil. Ele foi tes de o jornaPitote foi retirado do Vale do Aço para que não encaminhado lista ser execupara o Centro de tado, o carro de pudesse contar com regalias na cadeia devido RemanejamenLúcio foi flagraao seu bom relacionamento com agentes de to de Presos de do pelas imesegurança de Ipatinga e Coronel Fabriciano Ipatinga e, após diações de onde ter seu pedido Rodrigo estava. Em seu depoimento, Ales- de prisão temporária decretaEle fez por várias vezes o trajeto entre a avenida Gerasa, rua sandro afirmou que no mo- do, três dias depois foi levaProfetas, avenida Selim José mento do crime estava em sua do para a penitenciária Nelde Sales, ruas Síquem, Judite casa, no bairro Novo Cruzei- son Hungria, em Contagem, ro. Já seu cúmplice disse que Região Metropolitana de BH. e Pentateuco. Alessandro já estava sobre no dia 8 de março, ficou na Enquanto estava em Ipatinga, a moto esperando que Ro- casa da namorada até as duas a primeira visita que recebeu drigo Neto saísse da barraca da madrugada. Contudo, o si- foi de seu amigo Lúcio. e quando isso aconteceu, foi nal telefônico e o registro das REGALIAS em sua direção e efetuou os ligações foram provas contunPitote foi retirado do Vale disparos contra o jornalista. dentes contra os dois. Antes do crime, a força-ta- do Aço para que não pudesA PC ainda não tem certeza se Lúcio estaria na motocicle- refa de Belo Horizonte levan- se contar com regalias na cata junto com Alessandro, mas tou que foram feitas 130 liga- deia devido ao seu bom relapossui indícios, entre eles, os ções telefônicas entre Lúcio e cionamento com agentes de inúmeros telefonemas e a uti- Pitote. Após o crime até a data segurança de Ipatinga e Corolização do Fiat Strada de Lú- em que foram presos, foram nel Fabriciano. Ele era conheefetuadas mais de 200 chama- cido como um falso policial cio. civil e chegava ao extremo de das de um para o outro. ROTA DE FUGA participar de operações da instituição, como se fosse memApós o crime, os bandidos AUDACIOSO fugiram pelo caminho antes Alessandro Augusto Ne- bro efetivo. percorrido de carro pelo dete- ves, o Pitote, foi preso no úlO assunto é tabu dentro tive: passaram pela rua Profe- timo dia 14 de junho em vir- da instituição e muitos delegatas e avenida Selim José de Sa- tude de uma condenação dos negam que conhecessem les. À 00:32, Lúcio ligou para pelo crime de tentativa de ho- Alessandro. Entretanto, a presua namorada, que estava no micídio, ocorrida em julho sença do falso policial era noCentro de Ipatinga. de 2012. Ao ser preso, estava tada por todos, a ponto do Os registros telefônicos e a com uma pistola calibre 380, sub-corregedor da Polícia Ciidentificação do veículo tam- o que resultou em outra pri- vil Elder D´angelo, afirmar bém levaram a Polícia Civil são pelo crime de porte ilegal que toda a Polícia Civil foi coa descobrir que Lúcio e Ales- de arma de fogo. nivente com o caso.

Lúcio Lírio Leal foi preso em 18 de junho em sua casa, no bairro Canaã. Contra ele e seu comparsa pesam a denúncia do Ministério Público, feita na semana passada. Lúcio permanece preso na Casa de Custódia da Polícia Civil, em Belo Horizonte. MOTIVAÇÃO Após serem presos, os suspeitos de assassinarem Rodrigo Neto foram ainda interrogados outras vezes pelos investigadores, mas disseram não pretender contribuir com informações e nem mesmo revelar quem seria o mandante para o crime, bem como a motivação. Segundo Emerson Morais, o assassinato de Rodrigo continuará sendo investigado até que se esgotem as possibilidades de reconhecimento dos autores intelectuais. A polícia também precisa confirmar se a pessoa que pilotava a motocicleta era mesmo o investigador Lúcio, caso contrário, precisará apurar quem era o condutor. INCOMPLETO O deputado estadual e presidente da Comissão de Direitos Humanos da Assembleia Legislativa Durval Ângelo (PT), que acompanhou o caso, disse que as provas apresentadas pela Polícia são inquestionáveis, mas que o inquérito da morte de Rodrigo Neto ainda está incompleto. “Há uma trama maior por trás da morte de Rodrigo envolvendo políticos, delegados. Temos que observar a quem interessa a morte dele. Para mim, é claro que ele morreu pelo exercício de sua profissão”, afirmou. Durval também disse que a polícia errou ao não dar proteção a Carvalho, quando o fotógrafo anunciou que sabia quem havia matado o radialista e disse que a Comissão irá cobrar respostas contundentes sobre os casos. “O Rodrigo e o Carvalho foram mortos por uma rede de corrupção da polícia. Considero um avanço a apresentação, mas está incompleto, nós esperamos os mandantes”, disse.


CIDADES

Diário Popular

7

Quarta-feira, 24 de julho de 2013

ETO E WALGNEY CARVALHO Polícia Civil Civil Polícia

Arsenal apreendido apreendido com com Francisco Francisco Miranda Miranda quando quando aa PC PC investigava investigava oo paradeiro paradeiro da da arma arma que que teria teria Arsenal matado Rodrigo Rodrigo ee Carvalho Carvalho matado

Na internet, assassino era amigo de vítimas IPATINGA – Alessandro Neves Augusto, o Pitote, era “amigo” tanto de Rodrigo Neto, quanto de Walgney Carvalho em uma rede social da internet. Além dos dois, em sua lista de amizades aparecem diversos delegados e outros detetives apontados como criminosos pela Polícia Civil, como Elton Pereira da Costa e Ronaldo de Oliveira. A rede social, conforme acredita a Polícia, foi utilizada pelo suspeito para monitorar os passos de Carvalho no dia de sua morte. O repórter fotográfico ha-

via escrito em sua página na internet que estaria em um encontro de cavaleiros na localidade de Cocais de Baixo, em Fabriciano, no dia 14 de abril, o domingo em que foi assassinado. A moto que Pitote utilizou no dia do assassinato era emprestada de um amigo e este relatou em seu depoimento que quando o veículo foi devolvido estava sujo de lama, o que leva a crer que o assassino teria procurado por Carvalho mais cedo em Cocais, antes de executá-lo à noite, em um pesque e pague no bair-

ro São Vicente. A polícia acredita que Pitote usou a internet e vigiou os passos de Carvalho. Contudo, na rede social é possível ver alguns comentários de Alessandro Augusto em fotografias do repórter fotográfico. O possível assassino dos profissionais da imprensa também possui em seu rol de amigos virtuais políticos de Ipatinga, Fabriciano e Santana do Paraíso e até mesmo o Comitê Rodrigo Neto, criado para pedir justiça e acompanhar as investigações do caso.

PROCURA POR ARMA LEVOU À PRISÃO DE EMPRESÁRIO IPATINGA - A Força Tarefa do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) prendeu o empresário Francisco Miranda Rezende Filho depois de cumprir na residência dele um mandado de busca e apreensão no dia 18 de junho. As suspeitas eram de que no local estivesse a arma usada para matar Rodrigo Neto. Durante as diligências foram encontradas na casa de Francisco várias armas de fogo, uma submetralhadora 9mm, pistolas, espingardas, munições de fuzil, silenciadores, munição de calibre 50 utilizada em baterias antiaéreas pelas forças armadas. Em função do arsenal, Francisco foi preso em flagrante por posse ilegal de arma e munições de uso restrito e recolhido no Ceresp de Ipatinga. A justiça já negou aos advogados do empresário pelo menos três pedidos de relaxamento de prisão.

Francisco está está preso preso no no Ceresp Ceresp Francisco

Arquivo DP DP Arquivo

O jornalista jornalista ee radialista radialista Rodrigo Rodrigo Neto Neto teve teve que que morrer morrer para para que que as as autoridades autoridades resolvessem resolvessem apurar apurar os os O crimes impunes impunes no no Vale Vale do do Aço Aço crimes

Os últimos momentos de Rodrigo Neto 23:56 – Rodrigo Neto está em uma barraquinha de churrasco na avenida Selim José de Sales, no Canaã. Alessandro telefona para Lúcio, que está no Centro de Ipatinga 00:10 – Outra ligação de Pitote para Lúcio; o investigador sai do Centro e chega ao Canaã em sete minutos, onde vai até sua casa e pega uma caminhonete Strada 00:15 – Lúcio passa a circular pelas imediações de onde Rodrigo está afim de estabelecer uma rota de fuga; ele passa várias vezes pela avenida Gerasa, rua Profetas, avenida Selim José de Sales, ruas Síquen, Judite e Pentateuco 00:25 – Rodrigo Neto sai da barraca de churrasquinho e vai em direção ao seu carro; a motocicleta vai em sua direção e Alessandro atira cinco vezes contra o jornalista 00:30 – Os autores fogem na moto pela passando pela rua Profetas e avenida Selim José de Sales, caminhos traçados por Lúcio Lírio 00:32 – Lúcio liga para sua namorada, que estava no Centro de Ipatinga Arquivo Pessoal Pessoal Arquivo

Polícia Civil Civil Polícia

O fotojornalista fotojornalista Walgney Walgney Carvalho Carvalho foi foi morto morto com com aa mesma mesma arma arma utilizada utilizada para para assassinar assassinar Rodrigo Rodrigo O


8

CULTURA

Diário Popular

Quarta-feira, 24 de julho de 2013

MÚSICA

Divulgação

Adélia Roque é adepta do rock’n roll e da MPB e estreou como vocalista em uma banda de rock progressivo em 2002

Adélia Roque é atração na Happy Hour do Shopping IPATINGA - Adélia Roque, jovem cantora e revelação musical, é a atração desta quarta-feira, 24 de julho, na Happy Hour na Praça de Alimentação do Shopping do Vale do Aço, a partir das 18h30. A talentosa intérprete iniciou sua carreira musical aos 16 anos com grande influência de seu pai, músico na década de 60. Adepta do rock’n roll e da MPB, teve seu primeiro trabalho como vocalista em uma banda de rock progressivo em 2002. Na época já tocava violão. Em seguida, decidiu seguir carreira

solo, apresentando-se em bares e festas particulares. Conviveu e aprendeu muito com compositores e intérpretes de vários gêneros musicais na temporada que passou em Arraial D’Ajuda, na Bahia, em 2011. Em seu repertório, a cantora faz uma mistura de música brasileira com pop rock nacional e internacional, influenciada e inspirada em Rita Lee, Secos e Molhados, Mutantes, Elis Regina, Vinicius de Moraes, Marisa Monte, Pato Fu, Novos Baianos, The Cranberries entre outros.

PARTICIPAÇÃO

Fabriciano prorroga inscrições para 3ª Conferência de Cultura FABRICIANO – A Prefeitura de Coronel Fabriciano informa que foram prorrogadas, até a próxima sexta-feira (26), as inscrições para a 3ª Conferência Municipal de Cultura. O evento acontece no dia 3 de agosto, das 8h às 18h, no Plenário da Câmara Municipal. As inscrições devem ser feitas na Secretaria de Educação e Cultura, localizada na rua Duque de Caxias, 366, 1º andar, ou pelo telefone 3846-7701. O tema estabelecido pelo Ministério da Cultura para esta edição é “Uma Política de Estado Para a Cultura: Desafios do Sistema Nacional de Cultura”. Os eixos temáticos das Conferências Estaduais e do Distrito Federal deverão contemplar o tema nacional. No ato da inscrição, o cidadão deve escolher um dos quatro eixos temáticos que deseja discutir du-

rante os trabalhos em grupo. O único pré-requisito para participar do encontro é ser morador de Fabriciano. DEBATES Os debates serão centralizados na Implementação do Sistema Nacional de Cultura (SNC) no país, Produção Simbólica e Diversidade Cultural, Cidadania e Direitos Culturais, e sobre Cultura e Desenvolvimento Econômico. “A Cultura revela a identidade de um povo. Por isso, é tão importante discutila. Uma das finalidades dessa conferência será debater sobre os benefícios dos municípios em aderirem ao SNC, que vai nos garantir mais facilidade durante os processos de repasse de verbas para a área”, informa a coordenadora de Artes e Eventos e organizadora da Conferência, Lourdes Paiola.

O F I C I N A S C U LT U R A I S

Diretora do grupo Giramundo ensina manipulação de bonecos IPATINGA - Já estão abertas as inscrições para a oficina “Manipulação de Bonecos” que será ministrada por Beatriz Apocalypse, do Giramundo Teatro de Bonecos, de Belo Horizonte. A oficina, que terá a carga horária de 20h/aulas, será inteiramente gratuita, aberta a todo o público em geral com faixa etária mínima de 15 anos. A oficina faz parte da programação 2013 do Projeto Oficinas Culturais de empreendido por Claudinei de Souza, que completa 12 anos de atividades. Neste ano foram realizadas mais de 50 oficinas com grandes nomes das artes cênicas no Brasil. Foram mais de mil pessoas beneficiadas, dentre profissionais e estudantes das artes cênicas das áreas teatro, dança e áreas técnicas da Região do Vale do Aço. BEATRIZ A ministrante da Oficina, Beatriz Apocalypse, é atriz e marionetista há 26 anos, atuando como diretora de cena, atriz, marionetista e diretora de espetáculos do Giramundo Teatro de Bonecos. É também presidente do Museu Giramundo localizado na capital mineira. Cursou a Escola de Belas Artes da Escola Guignard. Desde 2003

Divulgação

O Giramundo foi fundado pelo mestre dos bonecos Álvaro Apocalypse

atua na criação de projetos de marionetes e cenografias utilizadas em diversos espetáculos e produções como: “Pinocchio”, “Vinte Mil Léguas Submarinas”, “A Flauta Mágica”, “Alice no País das Maravilhas”, Bonecos “Gorila”, “Leão” e “Rinoceronte” para campanha do jornal “Estado de Minas”. GIRAMUNDO O Giramundo é um grupo de teatro de bonecos, com centro na construção teatral, mas seu foco se deslocou para a investigação do movimento em suas múltiplas formas e diversos meios, dentre os quais, o boneco. A translação se iniciou com vídeo-anima-

ção nos anos 2000, e com revisões da cena, em sua interface teatro, dança, cinema, música e escultura cinética. Saiu do centro e foi para as bordas. Giramundo é composto de pedaços museu-teatro-escola-animação, o que o molda mais como centro de referência e formação que como grupo de teatro convencional. Esta estrutura modular corresponde a forma orgânica de funcionamento atual do Giramundo: pólipos. O grupo parece tradicional, pois guarda memória de um mestre do teatro de bonecos, Álvaro Apocalypse. Conservador-mutante, pois, na prática, o respeito pela história não se confunde com repetição. Por isso,

venerar a origem sem perder o ímpeto de criar é um importante desequilíbrio dinâmico do Giramundo.

SERVIÇO Oficina: Manipulação de Bonecos Ministrante: Beatriz Apocalypse Público Alvo: Atores, estudantes e interessados, a partir de 18 anos. Dias e horários: 01 e 02 de agosto de 18h às 22h / 03 e 04 de agosto de 14h às 18h Total de horas aulas: 20 horas Número de Vagas: 20 Local: Espaço Cultural Boca de Cena – Av. Selim José de Salles, 768 – 2º andar – Bairro Canaã – Ipatinga Inscrições: 22 a 31 de julho – 14h às 18h Tel.: (31) 3827-3719/ (31) 8883-3142 E-mail: di.ator@bol.com.br


BRASIL

Diário Popular

Quarta-feira, 24 de julho de 2013

9

V I S I TA PA PA L

EM APARECIDA, FIÉIS FAZEM VIGÍLIA À ESPERA DO PAPA APARECIDA – Durante todo o dia de ontem (23), foi intensa a movimentação de fiéis que chegavam de várias regiões do Brasil e do exterior para assistir hoje (24) à missa celebrada pelo papa Francisco na basílica do Santuário de Nossa Senhora Aparecida, a 180 quilômetros da capital. O templo foi fechado às 18h desta terça-feira, três horas antes do habitual, para que os agentes de segurança fizessem a última varredura para prevenir riscos para o pontífice, sua comitiva e os fiéis. Muitos dos peregrinos pretendem passar a noite em vigília à espera da missa, marcada para as 10h30. Durante a vigília, artistas se revezarão em apresentações, entre eles, a cantora Elba Ramalho e os cantores Neguinho da BeijaFlor e Sérgio Reis, além do padre Antonio Maria e da irmã Kelly Patrícia. Para monitorar a segurança, foi montada uma central de operações na torre da basílica. Na central, 78 câmeras de vídeo captam imagens dos principais pontos da cidade. Os eventos de Aparecida envolvem a participação de 5 mil integrantes das Forças Armadas, das polícias Militar, Federal e Civil e da Guarda Municipal, além de profissionais da concessionária NovaDutra. De acordo com os organizadores da Jornada Mundial da Juventude (JMJ), mais de 3 mil jornalistas brasileiros e estrangeiros estão credenciados para a cobertura de hoje em Aparecida. A expectativa, segundo a organização da JMJ, é que mais peregrinos cheguem entre a meia-noite e a madrugada de hoje (24).

Marcelo Camargo/ABr

Peregrinos começam a chegar a Aparecida e ocupam as principais áreas que dão acesso à basílica do Santuário de Nossa Senhora

ENSAIOS No último domingo (21), durante um dos ensaios, foi encontrado um objeto suspeito que, posteriormente, a Polícia Militar comprovou ser uma bomba de fabricação caseira, que foi desativada, sem representar ameaça às pessoas. “Já fizemos vários ensaios e simulações de casos que exigiam providências, repetimos as ações por duas vezes hoje e estamos prontos para garantir a segurança nesta visita do papa”, disse o general William Georges Abrahão, comandante da 12ª Brigada de Infantaria Leve e Aeroviária. ENTRADA A concessionária NovaDutra informou que a entrada principal

ENCONTRO

Dilma elogia preocupação do pontífice com imigrantes BRASÍLIA – A preocupação do papa Francisco com a situação dos refugiados de países que enfrentam conflitos armados e situações de crise foi elogiada pela presidenta Dilma Rousseff, que conversou anteontem (22), durante cerca de 15 minutos no Palácio Guanabara (sede do governo do Rio), com o pontífice. Segundo o porta-voz do Vaticano, padre Federico Lombardi, Dilma mencionou discurso feito pelo papa no último dia 8, na Ilha de Lampedusa, parabenizando-o pela defesa dos imigrantes que buscam oportunidades nos países da União Europeia. Localizada no Sul da Itália, a Ilha de Lampedusa é considerada a porta de entrada

dos imigrantes, principalmente os que vêm da África e do Oriente Médio. A Itália é um dos países mais procurados pelos imigrantes, principalmente do Egito, onde a crise política se intensificou no último ano, e da Síria, que enfrenta conflitos armados há 28 meses. Anteontem, a presidenta Dilma Rousseff e o papa Francisco tiveram o segundo encontro privado. Em março, quando Francisco assumiu o pontificado, a presidenta se reuniu com ele no Vaticano. Na ocasião, o pontífice lamentou a tragédia de Santa Maria, no Rio Grande do Sul, quando mais de 200 pessoas morreram em decorrência do incêndio que atingiu a Boate Kiss.

de Aparecida, no km 71, será reservada para os carros de passeio e vans. Os ônibus terão acesso pelo km 74. Nas áreas ao redor do estacionamento do santuário, há es-

paço para 1,1 mil ônibus e 1,2 mil automóveis. E há locais um pouco mais distantes, mas que também dão acesso ao templo, que oferecem muitas vagas.

Papa saboreia pão de queijo

RIO – No segundo dia no Brasil, o papa Francisco saboreou um dos quitutes mais famosos do país: o pão de queijo. O engenheiro responsável pela infraestrutura da residência do Sumaré (onde o pontífice está hospedado), Paulo Roberto Viana, contou que Francisco comeu seis pães de queijo no café da manhã e almoçou com o arcebispo do Rio, dom Orani Tempesta. Iguaria tipicamente mineira, feita de polvilho, queijo, sal, água e leite, o pão de queijo é um dos quitutes mais consumidos no Brasil. Em geral, o brasileiro gosta de comê-lo acompanhado com um café puro.

Francisco não esconde a satisfação em degustar pratos da culinária regional. Nascido em Buenos Aires, ele levou para o Vaticano o hábito de tomar mate – no Brasil, o costume é comum entre os gaúchos que tomam o chimarrão. Francisco passou o dia hoje na residência do Sumaré, na zona norte do Rio. Alguns carros entraram e saíram do local, mas todos com vidros escuros, impedindo a identificação dos ocupantes. A movimentação maior foi apenas de troca de turnos das forças de segurança, que envolvem policiais federais e agentes da Polícia Rodoviária Federal.

FUTEBOL

Morre ex-jogador Djalma Santos

BRASÍLIA - Morreu na noite desta terça-feira (23), aos 84 anos, o bicampeão mundial pela seleção brasileira, Djalma Santos. O ex-jogador de futebol morreu às 19h30 no Hospital Dr. Hélio Angotti, em Uberaba (MG), onde estava internado desde o dia 1º de julho. Em nota, o hospital informou que Djalma Santos faleceu em virtude de uma “pneumonia grave e instabilidade hemodinâmica, cul-

minando com parada cardiorrespiratória”. Djalma Santos foi campeão do mundo nas copas de 1958 e 1962. Ele também participou das copas de 1954 e 1966. Ele foi jogador da Portuguesa de Desportos, do Palmeiras e Atlético Paranaense, onde encerrou a carreira. Lateral direito, é considerado o melhor jogador da posição no mundo, em todos os tempos.

Confrontos no Cairo deixam seis mortos

Pelo menos seis pessoas morreram ontem (23) em confrontos entre simpatizantes e opositores do presidente egípcio deposto Mouhamed Mursi, no Cairo, capital do Egito, elevando para dez o número de mortos nas últimas 24 horas. Os ataques desta manhã ocorreram perto da Universidade do Cairo. Quatro manifestantes, simpatizantes de Mursi, morreram na noite de segunda-feira (22) após a polícia ter invadido um acampamento de islamitas na Praça do Renascimento, no Cairo, segundo informou a Irmandade Muçulmana, movimento que apoia o presidente deposto. Policiais à paisana e franco-atiradores atacaram os manifestantes acampados na praça, de acordo com a Irmandade Muçulmana.

Bebê se parece com a mãe, brinca Príncipe O príncipe William e sua mulher, Kate Middleton, deixaram na tarde desta terça-feira o hospital St. Mary, em Londres, com o filho do casal, que nasceu na segunda (22). O bebê, um menino, será o terceiro na linha de sucessão na família real britânica. O príncipe William e Kate Middleton apareceram por volta das 19h15 locais (15h15 em Brasília), 37 horas após o início do trabalho de parto e 27 horas após o nascimento da criança. “Ele [o bebê] se parece com ela [Kate], ainda bem”, disse William aos jornalistas ao sair do hospital. Kate disse que “qualquer pai” sabe como ela e o marido se sentem no momento.

60 desaparecem durante naufrágio Um barco que transportava 170 pessoas, que provavelmente pediriam asilo na Austrália, afundou na costa sul da Indonésia, provocando o desaparecimento de 60 tripulantes, afirmou a mídia australiana na quarta-feira (horário local). O ocorrido se deu menos de uma semana depois que a Austrália fechou suas portas a eventuais refugiados, ao assinar um acordo para enviar todos os barcos para Papua Nova Guiné para avaliação. Cerca de 170 pessoas estavam a bordo do barco, que naufragou na noite desta terçafeira. Mais de 100 pessoas, a maioria de Irã e Sri Lanka, foram resgatadas por pescadores na região durante a noite, afirmou a imprensa australiana.


10

LAZER

Diário Popular

Quarta-feira, 24 de julho de 2013

MÚSICA DE LUTO

MPB perde Dominguinhos, um dos ícones da música nordestina BRASÍLIA – O sanfoneiro, compositor e cantor José Domingos de Morais, o Dominguinhos, de 72 anos, nasceu em Garanhuns, em Pernambuco, em 12 de fevereiro de 1941. No sangue, dizem os amigos, trazia o dom da música, pois seu pai, mestre Chicão, era famoso na região como tocador e afinador de foles. Ao longo da carreira, gravou 42 discos e teve como padrinho de sua carreira o Rei do Baião, Luiz Gonzaga, que conheceu ainda menino, aos 8 anos. Com os irmãos, Moraes, na sanfona, e Valdomiro, na zabumba, Dominguinhos formou o trio Os Três Pinguins e tocou em feiras e hotéis de Pernambuco. Em uma das apresentações, conheceu Luiz Gonzaga, que lhe ofereceu dinheiro e deu seu endereço no Rio de Janeiro. TRIO NORDESTINO Em 1954, Dominguinhos foi para o Rio de Janeiro com o pai e os irmãos. Com o endereço em mãos, visitaram Gonzaga, que entregou a Chicão uma sanfona. Passou a frequentar a casa de Gonzaga e a cena artística do Rio. Ainda no Rio, Dominguinhos conheceu a cantora Marinez, considerada por ele a maior cantora de baião

Farias lembra a amizade de Dominguinhos com Gonzagão. “Ele foi motorista de Gonzaga, apadrinhado dele e [participou da] maior parte dos discos de Gonzaga tocando sanfona. Quando o Gonzaga já estava nos derradeiros momentos, passou a coroa pra o Dominguinhos.”

Durante a longa carreira, de mais de 50 anos, Dominguinhos tocou com Sivuca, Chico Buarque, Caetano Veloso, Gal Costa e Gilberto Gil

de todos os tempos; o cantor Zito Borborema e o zabumbeiro Miudinho. Com os dois últimos, criou o Trio Nordestino, que tocou em circos e arrasta-pés no interior do estado. Durante a longa carreira, de mais de 50 anos, Dominguinhos foi convidado para tocar com diversos artistas da música popular brasileira como Sivuca, Chico Buarque, Caetano Veloso, Gal Costa e Gilberto Gil. GÊNIO Para Clodo Ferreira, amigo e compositor de diversas parcerias, o sanfoneiro foi um gênio musical. “Pouca gente no Brasil tem o talento de Dominguinhos. Ele é um modelo para os compositores brasileiros, principalmente os nordestinos”, diz em entrevista à Agência Brasil. Clodo

lembra que Dominguinhos já tocava músicas nordestinas com seus irmãos quando conheceu Luiz Gonzaga. Clodo conta que Querubim é a parceria mais querida que tem com Dominguinhos, que entrou de forma definitiva na música brasileira. “Ele compôs com Gilberto Gil, com Chico Buarque, Djavan. A qualquer gênero ele se adaptou muito bem. Ele foi um harmonizador avançado e criativo,” diz. Para o maestro Marcos Farias, afilhado de batismo de Luiz Gonzaga, o sanfoneiro passou a ser o maior representante vivo da música nordestina, depois da morte do rei do Baião. “Foi ele quem botou o chapéu de couro na cabeça, a sanfona no peito e cantou com Gonzaga”, destacou em entrevista à Agência Brasil.

CÂNCER Segundo Clodo, há cerca de seis anos o sanfoneiro se tratava de um câncer no pulmão, mas em momento algum parou de trabalhar. Dominguinhos foi internado na Unidade de Terapia Intensiva Coronariana do Hospital Santa Joana, no Recife, no dia 17 de dezembro, com um quadro de infecção respiratória e arritmia cardíaca. Depois, foi transferido, em janeiro, para o Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo, onde morreu ontem (23) em decorrência de complicações infecciosas e cardíacas. Dominguinhos foi vencedor do Grammy Latino em 2002, com o CD Chegando de Mansinho. Entre suas músicas mais conhecidas estão Eu Só Quero um Xodó, De Volta Para o Aconchego e Isso Aqui Tá Bom Demais. Dominguinhos teve três filhos e era separado.

RESUMO DE NOVELAS MALHAÇÃO Sofia fica sem saber o que fazer ao descobrir que seu garçom e o príncipe de Anita são a mesma pessoa. Bernardete se atrapalha para manobrar o carro e vira motivo de chacota de Junior e Minhoca. Vera, Ronaldo, Pedro e Giovana se encantam com Frédéric, que revela ser haitiano e estar procurando trabalho no Brasil. Sofia conta para Bernardete que Ben é o menino com quem Anita marcou um encontro em Miami, e a madrasta percebe o plano da garota contra a irmã. Ben afirma a Anita que ela já é uma irmã para ele e ela tenta esconder a frustração. Ben doa seu dinheiro para que Ronaldo e Vera contratem Frédéric. Maura revela seu plano de usar Zelândia para resolver tarefas domésticas. Sofia se aproxima de Ben, e Ronaldo vê os dois. Sidney e Junior se preparam para buscar Zelândia. Ben provoca Sofia. Anita lamenta sua paixão não correspondida enquanto Julia não consegue tirar os olhos de Frédéric. Martin diz a Rafa que quer casar com Anita e logo depois paquera uma garota que passa. Sidney visita Ben e eles relembram a amizade. Anita

se aproxima de Frédéric, que lhe aconselha sobre a família. Anita pensa no que Frédéric lhe contou e diz a Serguei e Julia que decidiu seguir em frente e conhecer pessoas novas. FLOR DO CARIBE Bibiana diz a Hélio que ele pode ficar em sua casa. Carol não percebe que Lino e Taís trocam olhares. Os escavadores iniciam o trabalho na mina de Duque, Cassiano e Amaralina. Cristal liga para Ester, diz que Dom Rafael está sendo perseguido por Gonzalo e que precisa da ajuda de Duque e Cassiano para salvar seu pai. Donato fica intrigado com a demissão de Hélio e comenta com Bibiana. Dionísio pede a Guiomar que o ajude a promover um encontro com Maria Adília, mas a ex-nora se recusa a ajudá-lo. Guiomar aceita namorar Duque. A pedido de Dionísio, Yvete procura Maria Adília e inventa que Guiomar quer falar com ela. Maria Adília entra no carro, se depara com Dionísio e não consegue sair do veículo. SANGUE BOM Fabinho tenta subornar os poli-

ciais. Plínio é chamado à delegacia. Wilson vai embora arrasado da casa de Gilson. Bento reclama por ter terminado a sociedade com Giane. Rosemere fica ofendida com a crítica de Nelson sobre sua relação com Filipinho. Érico vela o sono de Palmira. Plínio não aceita a revolta de Fabinho contra Margot. Filipinho incentiva Perácio a investir em Rosemere. Bento pega uma foto de Giane. Renata faz um acordo com Wilson para conseguir a conta do Kim Park de volta para Érico. Plínio promete antecipar a herança de Fabinho, depois do exame de DNA. Wilson avisa a Mel que Natan vai competir com Érico pela conta do parque. Plínio marca o exame de DNA na clínica onde Socorro trabalha. Amora fica atônita ao ver a foto de Giane produzida. Damáris tenta chantagear Wilson. Tina decide ir atrás de Vitinho. Bárbara é bajulada pelos internos da clínica. Odila fala mal de Bárbara para Sueli Pedrosa. Giane pede para Charlene ajudála a comprar roupas novas. Érico dispensa o trabalho de Wilson. Socorro avisa a Amora que Plínio reconhecerá a paternidade

de Fabinho. Luz fala para Vitinho que Tina trabalha em sua casa. Bento se declara para Malu. AMOR À VIDA Paloma exige que sua família lhe conte a verdade. Amarilys e Rafael se preocupam com a amiga. Paloma observa Paulinha escondida. Lutero pede para Bernarda voltar a visitá-lo. Paloma discute com Pilar e exige que a mãe marque um jantar com toda a família. Aline reclama por César não encontrá-la após o expediente. Félix despreza Jacques. O vilão abre uma empresa fictícia em nome de Tamara. Félix se encontra com Anjinho novamente. Edith procura o marido no hospital. Maciel leva Valdirene ao cinema. Patrícia e Michel ficam juntos. Paloma confessa a Ninho que teme ser rejeitada por Paulinha. Paulinha sente falta de Paloma. Niko demonstra sua ansiedade para ter um filho. Aline conversa com Edith sobre Félix. Wagner elogia Edith. Carlito beija Valdirene. Félix mente para Edith. Bernarda decide contar a Paloma sobre o mistério que envolve o seu nascimento.

Horóscopo do dia ÁRIES No momento atual, tudo fala de emoção, de coração, de família, nativo de Áries. Conscientize-se de sua história emocional, familiar e do que lhe sustenta interiormente. Sintonize-se com a intuição, percebendo os caminhos que a sabedoria divina aponta agora. TOURO Idéias, contatos, abertura a outros conceitos e pontos de vista são fundamentais. Perceba a força do pensamento sobre a realidade. Você está utilizando sabiamente este poder? O dia pede observação, contemplação, sensibilidade. Um tempo para si, taurino.

LIBRA Realizar, com a força da sensibilidade, do coração e da família é importante a você, libriano. Nada foi em vão, mesmo que agora a trajetória seja totalmente diferente de outrora. O momento oportuno é aquele em que você se sintoniza com o chamado interno. ESCORPIÃO Você está se religando com o sagrado e esta é a verdadeira espiritualidade, escorpiano. Em atitudes, mais do que em templos institucionalizados, é que está a sua fé. Um belo momento, em que muitas sincronicidades mostram que nada é por acaso.

GÊMEOS Sinta-se grato pelas dádivas que a vida lhe concede e honre-as com amor. Importante momento para nutrir os seus talentos e o que é prioritário em sua vida, geminiano. Bençãos materiais e familiares podem ocorrer. Mérito de atitudes generosas e sensíveis.

SAGITÁRIO Tudo está morrendo e renascendo constantemente e este é o aprendizado atual, sagitariano. Muitos ensinamentos em família, com o poder de restaurar e curar sentimentos, pelo perdão. Negociações que envolvem bens familiares são um tema importante agora.

CÂNCER Um dia muito sensível, intuitivo, importante para prestar atenção aos sinais. Arte, fé, meditação e sintonia com as sutilezas são aspectos estimulados hoje. Permita-se. Uma nova vida está se apresentando a você. Não desperdice essa oportunidade, canceriano.

CAPRICÓRNIO Quem vai permanecer e quem vai sair da sua vida? Uma questão desafiadora agora. Dia que pede reflexão e observação, correção de velhas atitudes e padrões, capricorniano. Evite negócios e aquisições hoje, já que na parte da manhã a Lua está fora de curso.

LEÃO Deixar ir, desapegar, entender que os finais são também recomeços, leonino. O momento atual fecha um ciclo iniciado no ano passado, onde você tem a colheita e maior consciência. O fato de não ter controle sobre tudo nas mãos mostra que há coisas maiores, o mistério da vida.

AQUÁRIO Dia que beneficia a contemplação, a sensibilidade, a espiritualidade, a criatividade. Não é um dia favorável para questões práticas. A menos que você aja baseado na intuição. À tarde você fica mais sintonizado com os seus verdadeiros valores e prioridades.

VIRGEM Perceber que algumas pessoas que eram próximas, deixaram de ser, faz parte do desafio. Enquanto saem algumas pessoas e situações de sua vida, outras pedem para entrar. Alinhe-se com o futuro, enquanto agradece e perdoa o passado, nativo de Virgem.

PEIXES Um dia com a marca da energia pisciana: sensível, mágico, contemplativo. É necessária uma pausa para reflexão, conectando-se com o que é verdadeiramente essencial. A confusão ocorre se você não segue a voz interior e quer contrariar as leis do Universo.

CINE DO VALE DO AÇO

MEU MALVADO FAVORITO 2 (DUBLADO) Sala 1 - Diariamente: 15h10 - 17h15 - 19h20 - 21h30 MINHA MÃE É UMA PEÇA - O FILME (NACIONAL) Sala 3 - Diariamente: 14h30 - 19h15 TURBO 3D (DUBLADO) Sala 2 - Diariamente: 14h00 - 19h10 O HOMEM DE AÇO 3D (LEGENDADO) Sala 2 - Diariamente: 21h20 O HOMEM DE AÇO 3D (DUBLADO) Sala 2 - Diariamente: 16h10 O CAVALEIRO SOLITÁRIO (DUBLADO) Sala 3 - Diariamente: 16h20 - 21h20


SOCIAL

Diário Popular

Quarta-feira, 24 de julho de 2013

11

Sem Topeia dorachaves.2008@gmail.com

Informal, muito animada e considerada uma das melhores festas de clubes recreativos do Vale do Aço, a Sem Topeia acontece no dia 10 de agosto no Cariru Tênis Clube, das 11h até as 18h. Durante todo o dia shows

da dupla Marcus & Luan, DJ Lucas Fagundes e banda Soul o Samba. Adquira sua camisa ingresso e curta ainda churrasco-almoço e bebidas liberadas, sendo: cerveja, refris, água e vodka. Mais informações 3825.1844.

Demétrios Gualberto e João Drumond no Centro Cultural Usiminas

Oportunidade

Élcio Rodrigues prepara para o dia 2 de agosto seu grande evento. Informe-se.

Incêndios

Maiara e Vinicius muito elegantes na posse da Aciapi e CDL

A Cenibra já iniciou sua Campanha de Combate a Incêndios. A empresa de celulose mantém uma rede de comunicação entre a Cenibra e as comunidades onde atua, através da parceria com os próprios cidadãos. Com o telefone 0800 283.1291, disponível 24h, a Cenibra recebe

a comunicação de ocorrência de incêndios, feita por moradores, e sua equipe interna de combate a incêndios entra em ação. Esse gesto simples das comunidades tem evitado grandes desastres ambientais, resultando na preservação de vidas, da fauna e flora. Participe sempre!

Dia dos pais

Carreta Senai

A Le Postiche já está em clima de Dia dos Pais e tem o presente perfeito para eles. Para os pais que vivem viajando e precisam de produtos práticos, a linha de malas Veneza é a escolha ideal. As peças são fáceis de transpor-

Quem visitar a 25ª Expo Usipa, em Ipatinga, entre os dias 24 e 27 de julho, terá a oportunidade de conhecer a carreta de automação industrial da Escola Móvel Senai. A estrutura itinerante de 16 metros de compri-

tar pois são muito leves e têm rodinhas que giram 360º. Para a tranquilidade nas viagens ser completa, você ainda conta com a segurança de ter uma mala nova em caso de roubo ou extravio de bagagem. Visite a loja e escolha.

mento, 5 de largura e 4 de altura, oferecerá durante a Exposição o curso básico de PLC – Controladores Lógicos Programáveis. As aulas serão ministradas de 13h às 17h, a 16 alunos selecionados pelo Senai de Ipatinga.

Quem tem entre 18 e 24 anos de idade e está à procura de qualificaçãopara o mercado de trabalho deve ficar atento. O Instituto do Inox vai abrir inscrições para uma turma do curso de ‘’Soldagem TIG’’ e outra para o de ‘’Trabalhabilidade do Aço Inox’’. Serão 14 vagas para cada um dos cursos.

As inscrições são gratuitas, vão de 05 à 09 de agosto, no Instituto, em Timóteo, e poderão ser realizadas das 8h30 às 11h30 e 13h30 às 15h. O Instituto fica na Rua 38, 18 A, Vila dos Técnicos, Timóteo. Outras informações pelo telefone (31) 3848-3967 ou pelo site www.institutodoinox.com.br.

Diário Social O Cafe com Fé de hoje é muito especial. Cláudia damasceno receberá com um abraço em sua loja Novo Estilo à avenida Carlos Chagas, 625 no bairro Cidade Nobre, às 8h15. . . . . . . . Para fechar o mês de julho, no proximo sábado Walkiria Ramos e Eliseu animam a noite a partir das 20h30 na Pizzaria do Charles, uma deliciosa pizza com um som especial... Reserve sua mesa. . . . . . . . O Atlético e os atleticanos

passam hoje por mais uma prova de fogo. Coração forte na torcida, não é amigos? . . . . . . . Adélia Roque, jovem cantora e revelação musical, é a atração de hoje na Happy Hour na Praça de Alimentação do Shopping do Vale do Aço, a partir das 18h30. . . . . . . . Você que é musico ou conhece alguém que é cadastre-se no link e divulgue seu trabalho: http://musicosdovaledoaco.com.br/


12

ESPORTES

Diário Popular

Quarta-feira, 24 de julho de 2013

L I B E R TA D O R E S

GALO ESTÁ PRONTO PARA A DECISÃO BH - O penúltimo treinamento do Galo antes da decisão da Copa Bridgestone Libertadores da América, às 21h50 desta quarta-feira, contra o Olimpia, foi realizado no Mineirão. No palco da finalíssima, o técnico Cuca comandou um trabalho tático. Desfalque no primeiro jogo da final, no Defensores del Chaco, em Assunção, no Paraguai, Bernard garante empenho na busca pelo título. Já Ronaldinho Gaúcho está confiante e preparado para fazer a diferença. A responsabilidade foi depositada pelo técnico Cuca, pelos companheiros e pela torcida do Atlético. “Fico feliz de ter a confiança dos companheiros, da comissão técnica e dos torcedores. Isso me deixa confiante, bem preparado para buscar fazer o meu melhor pelo Atlético”, destaca. MOTIVADO

Fotos: Bruno Cantini

Acompanhado de Kalil, o técnico Cuca comandou um trabalho tático no palco da finalíssima

Ronaldinho curte o carinho do torcedor desde sua chegada ao clube, no ano passado. “É maravilhoso, em tão pouco tempo, receber todo esse carinho, admiração. Quero entrar para a história do clube. Agora é uma grande oportunidade.” Experiente e vitorioso, Ronaldinho Gaúcho res-

salta que jogos como o desta quarta-feira são os mais aguardados pelos jogadores. A motivação é alta: “Me sinto muito motivado, como falo sempre. O momento mais divertido e feliz da carreira do jogador é poder participar de finais, ter a chance de ser campeão. Estou muito motivado.”

COM TUDO Bernard prometeu jogar como nunca. “É como se fosse o último da minha carreira. Quero dar tudo que posso, dar além de 100% porque vai precisar. Então, vou dar o meu máximo, o que eu posso e até o que eu não posso, se é por mim, se é por meus companheiros. Quero fazer história, tenho uma oportunidade grande agora, quero correr atrás disso e depende única e exclusivamente da gente. Estamos cientes disso, vamos poder correr atrás e temos uma oportunidade grande”, disse o jovem talento atleticano.

A responsabilidade de Ronaldinho em fazer a diferença foi depositada pelo técnico Cuca, pelos companheiros e pela torcida do Atlético

FORÇA DA MASSA Ele aposta na força da Massa para pressionar o Olimpia e alcançar o resultado que o Galo precisa para levantar a taça. “A torcida vai ser o nosso 12º jogador. É um jogo importante, mais de 60 mil, e essa ajuda vai ser muito gran-

de. Caso a gente faça o primeiro gol, vai fazer com que a gente possa tirar força de onde não tem, vai ser um jogador a mais para a gente. Então, fico feliz com essa mobilização da torcida. Que ela possa comparecer em peso e nos ajudar durante os 90 minutos”, destacou Bernard.

MINAS OLÍMPICA

Fabriciano sedia etapa dos Jogos de Minas FABRICIANO - Entre os dias 24 e 28 de julho, Coronel Fabriciano recebe a disputa da etapa microrregional Nordeste A do Minas Olímpica Jogos de Minas, promovido pela Secretaria de Estado de Esportes e da Juventude (SEEJ). O evento tem como finalidade potencializar o esporte de rendimento, identificar os talentos esportivos mineiros e estimular a prática esportiva entre os municípios do Estado de Minas Gerais.

PARTICIPANTES Além da cidade-sede, outros oito municípios estarão envolvidos nas competições: Goiabeiras, Bom Jesus do Galho, Aimorés, Tumiritinga, Caratinga, Governador Valadares, Ipatinga e Ubaporanga. Estão programados 41 jogos durante a etapa.

Na quarta-feira, 24, o futsal feminino e masculino abre a competição. Os jogos serão realizados a partir das 09h na quadra do Colégio João Calvino. As partidas de voleibol masculino e feminino, handebol e basquete masculinos serão realizadas a partir de sexta-feira, 26. Os campeões microrregionais classificam-se para etapa estadual dos Jogos de Minas, que será promovida, entre os dias 05 e 10 de outubro, em Varginha. Além de Coronel Fabriciano, Monte Carmelo, Janaúba e Uberaba também recebem etapas microrregionais dos Jogos de Minas entre 24 e 28 deste mês. ABERTURA A cerimônia de abertura da etapa microrregional Nordeste A do Minas Olímpica Jogos de Minas,

com o desfile das delegações participantes, será realizada na quinta-feira (25), às 19h, no Clube Casa de Campo, na rua Argemiro José Ribeiro, 189 B, Centro. JOGOS DE MINAS O Minas Olímpica Jogos de Minas é uma competição que envolve atletas e equipes federadas de diversos municípios mineiros, inclusive Belo Horizonte. O evento, surgido da evolução dos Jogos do Interior de Minas (Jimi), dá continuidade à competição mais tradicional do esporte especializado desenvolvida no Estado, mantendo em sua essência a busca do fortalecimento esportivo dos municípios do interior e o surgimento de talentos que possam representar Minas Gerais nos principais torneios nacionais e internacionais.


24/07/2013