Page 1

Ano IV - Edição 36 - Maio/2014


Capa Noivos: Thiago Garbin e Silvana Aibel Cenário: Casarão Toniolo | Linha Eulália Produção: Jane Beauty Centro Estético Foto: James Rodrigues | Revelare Vestido: by Ricardo Rambo Terno: Identidade Homem

Ano III - Edição 36 - Maio/2014

Conceito Ambiente rústico, perfume vintage, energia intimista e pitadas de romantismo. Estas foram as inspirações que envolveram o tão sonhado casamento de Silvana e Thiago, e nesta edição especial eles relatam cada momento dos 365 dias intensos de planejamento, através de um dossiê que envolve mais que descrições, envolve sentimentos. 4 Jornal Design | Serra


Fotos Divulgação

Fotos Revelare

06

Tudo sobre o parto humanizado

20

Giro do design com Alessandro Medini

Fotos Rômulo Fialdini

18 Leo Romano e seu descontraído design

Expediente Realização: S&S Editora Ltda Coordenação: Silvia Perusso | Silvana Aibel Equipe: Camila Cervieri | Rosângela Masutti | Rose Minuzzo Grassi Jornalista Responsável: Marlove dos Santos | REG. 6668/28/57 Abrangência: Bento Gonçalves | Carlos Barbosa | Caxias do Sul | Farroupilha | Garibaldi Circulação Dirigida: Vida | Casa | Estilo Contato: 54 | 2621 3134 www.jornaldesign.com.br O Jornal Design | Serra não se responsabiliza por artigos assinados.

48 Um editorial de moda apaixonante!

Foto Silvia Tonon

Jornal Design | Serra 5


Equipe AMA Nascer Foto Divulgação

“Acreditamos que o parto é muito mais do que fisiológico, é uma grande transformação; é uma oportunidade única de mergulhar em si e de reconhecer a voz interior.”

Para celebrar o mês das mães, o Jornal Design foi mais a fundo sobre o assunto - parto humanizado. Para isso, buscamos uma equipe de referência - a AMA Nascer, de Florianópolis, que entre seus integrantes está a parteira contemporânea Mayra Calvette, responsável pelos dois partos da modelo Gisele Bunchen. Uma equipe que surgiu de um ideal comum, que tem como base acreditar profundamente que cada pessoa é feita de um cerne de vida, um centro de luz, uma essência. E que para vivenciar o processo da gestação, do parto e da maternidade, o grande salto vem quando esse centro é acessado com consciência. É preciso entender que o parto é muito mais do que

6 Jornal Design | Serra

fisiológico, que é uma grande transformação, e sim uma oportunidade única de mergulhar em si e de reconhecer a voz interior. E que quando se está conectado com o lado saudável do seu ser, a energia que flui pra dentro e para fora, pode se mover livremente, da forma semelhante à da rosa ao emanar perfume e absorver a luz do sol através das pétalas. Os profissionais que formam esta equipe são: Naoli Vinaver (parteira contemporânea), Mayra Calvette (parteira contemporânea), Marcela Flueti (doula, assistente de parteira, naturóloga), Larissa Grandi (parteira contemporânea), Marcos Leite (médico obstetra), Gabriela Zanella (doula/ fisioterapeuta).

Com exclusividade para o Jornal Design, Marcela Flueti responde algumas perguntas sobre este parto que está cada vez mais se tornando uma possibilidade para as grávidas que buscam um caminho para o nascimento de seus filhos com mais amor e qualidade de presença.

Para maiores informações, acesse: www.amanascer.com

vida


Foto Divulgação

Parto, uma transformação Jornal Design | O que é parto humanizado? Marcela Flueti | Na verdade este termo deveria, no meu ponto de vista, ser utilizado para todos os partos, sendo que um parto humanizado é um parto que respeita as escolhas os direitos da mulher e do casal, no qual não são utilizados procedimentos desnecessários, e o qual simplesmente respeita e acredita na fisiologia do corpo da mulher. JD | Existe o parto domiciliar e o parto hospitalar. Qual é o mais indicado? MF | O local do parto é de escolha da mulher ou do casal que vai parir. O melhor local é aquele que dá sentido e segurança para o casal. Nós, como profissionais, não indicamos, simplesmente seguimos e damos qualidade ao que foi escolhido. JD | Como você percebe que o parto humanizado está sendo visto atualmente no Brasil e no mundo? MF | Hoje, no Brasil o movimento de resgate vem crescendo, as pessoas estão com mais consciência e buscando um caminho para o nascimento de seus filhos de mais amor e qualidade de presença. Nosso país é um dos mais atrasados com relação ao parto. Temos um dos maiores índices de cesariana do mundo. Os países de primeiro mundo, como Nova Zelândia e Holanda por exemplo, tem o parto domiciliar como opção do sistema público de saúde, os partos são atendidos por parteiras profissionais nas maternidades ou casas de parto, e os encaminhamentos aos obstetras são realizados somente em caso de indicação real de risco. JD | Quais são os benefícios desse parto? MF | Os bebês nascem no dia e na hora que estão maduros, e por consequência tem um nascimento mais saudável, tendo um índice de necessidade de intervenção mínima, quando tem. As mulheres são respeitadas em seu tempo para parir fisiologicamente e tem respeitada sua integridade física, seus corpos podem abrir no tempo individual de cada uma. Isso tudo gera um grande aprendi-

vida

zado psíquico e emocional e um empoderamento essencial para o amadurecimento necessário à maternidade. JD | Antigamente os partos eram feitos em casa, depois passou a ser no hospital, e agora, como um ciclo, está voltando a se optar por ter um parto em casa. Por que você acha que está acontecendo esse ciclo? MF | Hoje, parir em casa é tão seguro quanto parir numa maternidade, com relação ao suporte que os profissionais de assistência ao parto dão. Existem várias pesquisas sobre, e parir em casa, além da segurança profissional, tem a segurança no sentido emocional, pois a casa é o local onde a mulher permite se abrir, confiar, se entregar. Isso para um parto é essencial. Para parir uma mulher precisa se entregar. Nos acompanhamentos a partos domiciliares temos percebido claramente como diminuem as necessidades de intervenções; como as mulheres se sentem mais empoderadas e acabam parindo praticamente sozinhas, nos permitindo assistir a beleza da vida. JD | Para a mãe e o bebê que ali nascem, qual é a experiência do parto humanizado para cada um deles? MF | Isso é bem difícil de responder, pois tenho certeza que cada indivíduo vivencia de uma forma única este momento. Mas os relatos que geralmente recebemos das mães é que sentem muito poder, amor, propriedade de si. E os bebês, percebemos que na maioria dos casos são mais vitais, tranquilos e seguros. JD | O que é uma doula? MF | Doula é a profissional responsável para dar suporte à mulher que está parindo e que atua também durante a gestação e o pós-parto. Este suporte pode ser de várias formas, dependendo do que esta mãe precisa e da formação profissional de cada doula. No momento do parto geralmente, as doulas auxiliam com técnicas que aliviam a sensação de dor (como massagens, respiração, posições e movimentos que soltam o corpo), além de auxiliar nos processos

Jornal Design | Serra 7


Foto Divulgação

emocionais que podem surgir durante o trabalho de parto, e também dão suporte no pós-parto através de orientações com a amamentação, cuidados com o bebê e suporte para a mãe. JD | Na hora de um parto humanizado, como é esse ambiente? Que equipe estará nesse ambiente? MF | O ambiente do parto é também da escolha da mulher. No entanto, geralmente, pelos hormônios que são liberados no parto (que são os mesmos de uma relação sexual, por exemplo), escolhe-se um ambiente mais escuro, com sons - se a mulher quiser - ou no silêncio, com elementos que tragam tranquilidade e possibilidades de movimento. A equipe presente é a escolhida pelo casal, sendo que cada um escolhe o que traz mais segurança. Alguns optam por parirem com a família presente, mais a equipe que pode ser composta por duas profissionais (como parteira / obstetriz e assistente), ou médico obstetra e assistente, pediatra. Outras gostam de ter uma equipe maior, pelo vínculo feito anteriormente com os profissionais. Mas geralmente a escolha é de ter o mínimo de profissionais no mo-

8 Jornal Design | Serra

mento para preservar a individualidade. JD | Que casos você acredita que a cesariana é necessária? MF | Tem vários estudos feitos sobre as indicações reais de cesariana. O parto natural é realizado com base na Medicina Baseada em Evidências. Nos artigos da Médica Obstetra Melania Amorim, uma das referências no Brasil, as indicações de cesarea são: Prolapso de cordão – com dilatação não completa; Descolamento prematuro da placenta com feto vivo – fora do período expulsivo; Placenta prévia parcial ou total (total ou centro-parcial); Apresentação córmica (situação transversa) - durante o trabalho de parto (antes pode ser tentada a versão); Ruptura de vasa praevia; Herpes genital com lesão ativa no momento em que se inicia o trabalho de parto (em algumas diretrizes, somente se for a primoinfecção herpética); entre outras indicações que podem ser encontradas em: www.estudamelania. blogspot.com.br JD | Os dois partos humanizados da modelo Gisele Bunchen foram acom-

panhados pela parteira contemporânea Mayra Calvette, que também faz parte do Grupo AMA Nascer. Você acha que a modelo divulgando esse parto ajudou as pessoas a se informarem mais sobre o assunto? MF | Eu acho que ajudou sim, pois observo que principalmente no Brasil as pessoas ainda dependem de uma referência para saberem se estão ou não seguindo o melhor caminho. E no caso de uma modelo tão conceituada e bem consciente, desta vez a orientação do caminho foi bem positiva, no meu ponto de vista. JD | Por exemplo, para quem ler esta matéria e se interessar pelo parto humanizado, como se deve proceder? Existem equipes no Rio Grande do Sul? Vocês atendem todo Brasil? Já existe um número considerável de equipes que possibilitem esse parto? MF | Existem equipes maravilhosas em todo o Brasil, inclusive no Rio Grande do Sul. Ainda não em todas as cidades, mas nas capitais geralmente tem. Nosso grupo atende somente em Florianópolis.

JD | Para quem quer optar pelo parto humanizado, essa decisão deve ser tomada até que estágio da gravidez? MF | O mais cedo possível, no entanto nunca é tarde. JD | Quem é o grupo Ama Nascer? MF | Nossa equipe surgiu de um ideal comum que tem como base acreditar profundamente que cada pessoa é feita de um cerne de vida, um centro de luz, uma essência. E que para vivenciar o processo da gestação, do parto e da maternidade, o grande salto vem quando esse centro é acessado com consciência. Acreditamos que o parto é muito mais do que fisiológico, é uma grande transformação; é uma oportunidade única de mergulhar em si e de reconhecer a voz interior. E que quando se está conectado com o lado saudável do seu ser, a energia que flui para dentro e para fora, pode se mover livremente, da forma semelhante à da rosa ao emanar perfume e absorver a luz do sol através das pétalas. Para maiores informações, acesse: www.amanascer.com

vida


O local do parto Parto Domiciliar Natural Planejado

vida

possa focar somente no seu trabalho de parto. Nós mantemos todos à par da evolução clínica do TP, acalmando o ambiente, já que a tensão/adrenalina pode segurar ou parar o TP. A parteira lida com essas situações para que a parturiente e seu parceiro possam continuar a se concentrar somente no processo de nascimento. O pré-natal para o parto domiciliar tem como objetivo preparar a família de maneira holística, considerando o físico, mental e espiritual de todos envolvidos no parto, para que o processo de dar à luz ocorra de maneira fluída e com confiança. Durante o parto, o papel do parceiro e dos familiares é de apoiar a mãe. Como ocorre no hospital, monitoramos os sinais vitais da parturiente e do bebê. Todos os procedimentos são explicados para a mãe e para a famílias, monitorando qualquer sinal de complicação ou de sofrimento da mãe ou do bebê. Permitimos que o processo de nascimento tome o seu próprio curso e defina o seu próprio ritmo. A filosofia é que, em geral, qualquer intervenção (medicamentos ou tentar apressar o TP) pode causar complicações. Na segurança de sua própria casa, a mãe tem liberdade de experimentar diferentes posições e locais para auxiliar o trabalho de parto. Ela pode se sentar

Foto Divulgação

O local do parto deve ser onde a mulher se sente segura. Para muitas este local é o aconchego do lar, onde ela tem autonomia para atender suas próprias necessidades e desejos; um lugar onde a família é respeitada para criar o parto que ela deseja. Muitas mulheres relatam o desejo de se retirar num ambiente calmo com a companhia e apoio de pessoas próximas. O parto em casa planejado é tão seguro quanto ao hospitalar, considerando que a mulher esteja saudável durante o pré-natal e que o parto seja acompanhado por uma parteira qualificada e experiente. Além de seguro, evidências científicas sugerem que o parto domiciliar garante menos intervenções e menos complicações médicas, quando comparado com partos hospitalares. Quando o trabalho de parto (TP) inicia, a mulher entra em contato com a gente. Estaremos intimamente envolvidas com a família desde o seu início, oferecendo visitas domiciliares e conversas via telefone até que o trabalho de parto se estabeleça. O parto domiciliar propicia que as mulheres escolham as pessoas que estejam presente, incluindo familiares e amigos, sem restrição de número de acompanhantes. A mulher pode designar tarefas para os presentes, como tirar fotos ou cuidar das outras crianças, para que a mulher

Jornal Design | Serra 9


Foto Divulgação

Parto Hospitalar

no vaso sanitário ou dar um passeio. Ela pode comer ou beber o que quiser. Ela escreve seu próprio “script”. Quando é hora de dar à luz, ela pode tentar qualquer posição que for mais confortável e adequada: de lado, de cócoras, sentada ou ajoelhada. Ocasionalmente, ocorrem complicações durante o parto (segundo a OMS entre 5 e 15%). Nós somos treinadas para reconhecer os primeiros sinais de complicações e para tomar as medidas necessárias, transportando a mãe e o bebê para o hospital. Nós trazemos todo equipamento e treinamento necessário para o atendimento imediato de urgência até chegar no hospital. Para promover uma transição suave, nesta situação, algumas famílias optam por se registrar com um obstetra local. A taxa de cesarianas é geralmente muito baixa para as parteiras que atendem partos domiciliares, em comparação com partos hospitalares. Uma das razões deve-se ao fato de que a maioria dos partos domiciliares são mantidos de baixo risco por uma boa assistência pré-natal. Além disso, nós não apressamos o nascimento, que, ironicamente, muitas vezes acelera -se no ambiente hospitalar. Quando a parteira e a gestante constroem um vínculo de confiança, as mulheres conseguem dar à luz com mais facilidade. Nós confiamos na capacidade das mulheres de dar à luz da maneira que elas escolhem, sobretudo protegendo a fisiologia do parto natural. O parto em casa permite a plena participação dos membros da família. Sob a orientação e assistência da parteira, o marido ou parceiro têm a oportunidade de ser o primeiro a tocar no neném. Este momento pode ser muito poderoso e transformador na vida dos novos pais. O bebê é geralmente colocado sobre a barriga ou peito da mãe imediatamen-

10 Jornal Design | Serra

te após o nascimento, proporcionando segurança, carinho e vínculo entre a mãe e o bebê. Nós somos treinadas em ressucitação neonatal para atender nos casos raros em que o bebê tem dificuldade para respirar por conta própria. Normalmente, o contato de pele e a voz da mãe auxiliam gentilmente para que o bebê tenha as primeiras respirações. O contato de pele ajuda a reduzir o sangramento que a mãe pode ter no pós-parto imediato. A ação de sucção do seio estimula o útero e faz com que ele se contraia, fechando os vasos sanguíneos. A amamentação é o foco do nosso atendimento pós-parto imediato. Estudos mostram que quando o bebê é amamentado nas primeiras horas de vida a mulher tende a amamentar exclusivamente por mais tempo. No parto domicilar se proporciona um ambiente calmo para que a família conheca o recém-nascido, bem diferente do ambiente hospitalar onde há muitos procedimentos médico,s muitas vezes desnecessários, que interferem no vínculo mãe-bebê. Em casa, os primeiros momentos de vida do bebê são momentos sagrados e de intimidade. O recém-nascido saudável só precisa de amor e carinho. Essa ligação precoce permite que o bebê relaxe e se sinta seguro. O parto domicilar reduz as chances da mãe e do bebê de contrair uma infecção, longe do ambiente hospitalar de bactérias. As bactérias saudáveis que vem da mãe são usadas para criar a imunidade do bebê. Um dos benefícios do parto domiciliar é que após o nascimento, a mãe e o bebê podem ir direto para a sua própria cama para descansar e dormir. Depois que o bebê nasce, nós oferecemos informações e apoio durante o pós-parto esclarecendo as dúvidas e auxiliando com eventuais problemas.

Sempre priorizando o direito de escolha do local do parto, algumas mulheres optam por dar à luz no hospital, mas querem experenciar o parto natural com o mínimo de intervenções. O hospital pode ser o local onde a mulher se sente mais segura e algumas é uma necessidade (em gestação de alto risco ou qualquer contra indicação para parto domiciliar). Neste caso oferecemos o acompanhamento do parto com uma enfermeira obstetra ou de uma doula em parceria direta com médicos que atuam em congruência com nossos valores de respeito e humanização. Nesse tipo de acompanhamento, o ideal é que a gestante participe dos grupos de gestantes ou faça algumas consultas durante a gestação para que o vínculo se estabeleça e as dúvidas sejam esclarecidas, para que possamos ajudar a mulher dando dicas e exercícios para se preparar para o parto. Quando a gestante entra em trabalho de parto, liga para nós. Nesse momento iremos orientá-la pelo telefone ou ir para sua casa, dependendo de como a situação se apresentar. Geralmente visitamos a parturiente em casa no início do trabalho de parto (pródomos) para decidirmos juntos o momento de ir para a maternidade. Evitar ir à maternidade muito cedo traz inúmeros benefícios, pois em casa a gestante pode relaxar no seu próprio ambiente; sua cama, seu chuveiro, sua geladeira, seu pátio para caminhar. Ela pode desfrutar deste período com o apoio contínuo da enfermeira parteira ou da doula, usufruindo da bola suíça, massagens e orientações para optimizar o conforto dela. A enfermeira obstetra avalia os sinais clínicos da parturiente, incluindo a dilatação e batimentos cardíacos do bebê. Juntamente com a família, decidimos o momento ideal para irmos para a maternidade, geralmente quando a mulher está com cerca de seis à sete centímetros ou se tiver alguma intercorrência. Já a doula usa sua experiência, se baseando no comportamento da mulher, para decidir com a família a hora de ir para a maternidade. Nos dois casos mantemos contato com o médico obstetra que vai acompanhar o parto na maternidade conosco. A maioria dos partos hospitalares que acompanhamos acontecem na Maternidade e no Hospital Ilha. Algumas gestantes vão para o hospital público, que permite apenas um acompanhante. Neste caso, algumas gestantes não

tem companheiro ou se sentem mais confortáveis com a presença de uma pessoa mais experiente ao seu lado. Já existem projetos para que se permita a presença da doula além do acompanhante, mas ainda não foram aprovados integralmente. O transporte para a maternidade pode ser feito no próprio carro da enfermeira obstetriz ou da doula para que o companheiro ou acompanhante fique com a parturiente no banco de trás. Procuramos fazer essa transição da casa para o hospital o mais tranquilamente possível. Quando chegamos na maternidade o acompanhante faz a internação da gestante, para evitarmos qualquer interferência durante processo de parto. A parturiente geralmente já vai direto para a sala de parto ou para o seu quarto no hospital privado. No hospital público ela será avaliada antes de ser internada. Continuamos o acompanhamento durante todo o trabalho de parto, ficando ao seu lado o tempo todo e dando suporte físico e emocional para a parturiente. A enfermeira obstetriz também faz a avaliação do batimento cardíaco fetal e avaliação em conjunto com o médico escolhido pela parturiente ou com o que está de plantão no dia. Encorajamos a mulher a seguir seus instintos para fazer o que ela tem vontade, como adotar posições, respirar, caminhar, usar a bola suíça, ir ao chuveiro, ir para banheira, ouvir música. Durante o parto expulsivo ela adota a posição que se sente mais a vontade para parir seu bebê. A enfermeira obstetra geralmente assiste ao parto. O bebê nasce e vai direto para o colo da mãe, e permanece lá a não ser que necessite de procedimentos pediátricos imediatos. Ficamos até uma hora ou mais após o bebê nascer, auxiliando no estabelecimento da primeira mamada. Depois do parto fazemos visitas, geralmente depois que a nova família foi para casa. Nessas visitas avaliamos e auxiliamos na amamentação, esclarecendo dúvidas e dando informações. A enfermeira obstetriz também pode avaliar o bebê (peso e sinais clínicos) e a puérpera (avaliação do períneo, da involução uterina, do sangramento, etc). Também oferecemos massagens, que muitas vezes é tudo o que a nova mãe precisa.

Fonte: www.amanascer.com

vida


Foto Divulgação

Estar grávida por Letícia Bettinelli | Nutricionista A gravidez é uma fase mágica na vida das mulheres. É o momento em que o corpo sofre inúmeras transformações e é importante saber lidar com todas elas, inclusive com a nutrição no período gestacional. Quando se fala em ganho de peso na gravidez, sabemos que o mesmo é inevitável, porém é sempre algo que preocupa as futuras mamães. Nos primeiros três meses não existe uma necessidade de aumento de peso, no geral este começa depois deste período. Algumas gestantes até perdem peso devido aos enjoos e outras sensações do primeiro trimestre. Porém, o ganho entre 12 e 14 quilos para mulheres que iniciaram a gestação com peso saudável é fisiológico, pois ocorre aumento de mamas, líquido extracelular, volume sanguíneo, útero, peso do bebê e aumento da gordura corporal para reserva de energia no período de aleita-

vida

mento materno. Quando o assunto é a fome, observa-se em geral um aumento no apetite. Devemos tomar muito cuidado com isso, pois apesar de existir um aumento na necessidade de energia na dieta da gestante, estas calorias devem ser bem distribuídas durante o dia e não são muitas, cerca de 300 a 500 calorias, conforme a necessidade. Outro fato importante sobre a dieta neste período é que se observe a qualidade das calorias ingeridas. A alimentação deve ser baseada em alimentos ricos nutricionalmente, que forneçam vitaminas, minerais, fibras e gorduras de boa qualidade. Deve-se restringir o consumo de açúcares e outros carboidratos refinados e gorduras saturadas. A hidratação é fundamental, inclusive nos dias frios. A preferência por água e sucos

naturais sempre deve ser levada em conta. No geral, recomendo o consumo de pelos menos três porções de frutas por dia e salada no almoço e janta. Ingerir pelo menos dois litros de água por dia e incluir grãos e oleaginosas diariamente na dieta. Alguns alimentos devem ser evitados como os ricos em cafeína, refrigerantes, álcool, adoçantes e preparações cruas, de origem e higiene com procedência desconhecida ou duvidosa. A dica final é curtir cada momento deste período único, lembrar que tudo que a futura mamãe fizer refletirá de alguma forma no seu bebê. Então, tenha atitudes positivas, cuide de sua pele, faça exercícios conforme indicação médica, descanse e alimente-se bem! O resultado será uma criança cheia de saúde e uma mãe linda, feliz e realizada.

Jornal Design | Serra 11


Pós parto: recupere a forma por Chaiane Rustik Minozzo | Fisioterapeuta Logo após o nascimento dos bebês, muitas mulheres se sentem inseguras e insatisfeitas com relação ao seu corpo. Mas é preciso ter cautela com as técnicas de emagrecimento a serem adotadas no período de amamentação.Geralmente, os tratamentos podem ser iniciados a partir de um mês do nascimento da criança, porém, algumas técnicas só podem ser realizadas após o desmame. É muito importante que a mãe fique tranquila com relação à segurança do seu bebê, mas ela também precisa de alguns cuidados especiais. Pensando na mamãe, cito as principais alterações e alguns tratamentos estéticos pós-parto.

como rejuvenescedor da pele do corpo e do rosto. Enrijece a pele, deixando-a mais lisa e uniforme. Os resultados são visíveis após a segunda sessão. Pode ser aplicada após 45 dias do parto. Gordura localizada Ultra cavitação + Radiofrequência + Laser de baixa potência: a associação destas três tecnologias é eficaz na diminuição da gordura localizada em regiões como cintura, coxas, flancos e abdome. Deve ser aplicado após o período de amamentação.

Flacidez muscular Pode ser corrigida com atividade física regular após liberação médica e os resultados podem ser potencializados na clínica de estética com a estimulação russa.

Estrias Durante a gestação, o objetivo é prevenção de estrias através de cosméticos específicos indicados pelo seu médico. No caso de aparecimento de estrias, o tratamento deve ser iniciado após o período de amamentação.

Flacidez de pele A Radiofrequência melhora o contorno corporal e atua

Acne e manchas Os tratamentos para acne e manchas vão desde a lim-

peza profunda de pele até o uso de ácidos e lasers. Alguns procedimentos podem ser realizados durante a gestação, como o peeling de diamante e a limpeza de pele, e outros somente após o desmame – lasers e peelings químicos. Retenção de líquidos A retenção de líquidos logo após o parto é normal. A drenagem linfática pode ser aplicada após a liberação médica, para remoção de edemas, toxinas e hormônios circulantes. Outra orientação é o fortalecimento da musculatura do assoalho pélvico com objetivo de prevenir incontinência urinária e disfunção sexual pós-parto. A avaliação é muito importante, por isso procure um profissional especializado que possa garantir a segurança e eficácia no tratamento. O mais importante é respeitar o seu tempo e do seu bebê, estar feliz, curtir cada momento e manter sua auto-estima elevada.

Foto Divulgação

12 Jornal Design | Serra

vida


Foto Divulgação

Para tentar atenuar dores e até mesmo ajudar a se preparar para esse mundo, o Pilates está entre as modalidades de exercícios recomendados para as grávidas.

Para uma gestação saudável e um parto tranquilo, prepare o seu corpo com pilates por Fabiola Fabbris Meotti

Fotos Arquivo Pessoal

A gestação é um momento único para mulher, mas apesar da felicidade em gerar uma nova vida, seu corpo sofre mudanças durante os nove meses de gravidez. Para tentar atenuar dores e até mesmo ajudar a se preparar para esse mundo, o Pilates está entre as modalidades de exercícios recomendados para esse período, pois ao contrário do que se acredita, grávidas podem usufruir da prática, exceto aquelas que se encontram em gravidez de risco, que sofrem de Diabetes tipo 1, ou que apresentam histórico de aborto espontâneo, doenças cardiovasculares, infecções urinárias e sangramentos. Essas devem seguir recomendações médicas de repouso a fim de evitar maiores consequências. Para gestantes que praticam atividade física e não tiverem complicações, pode ser realizado desde o início ou a partir do terceiro mês de gestação. Para as adeptas da prática que suspeitam de gravidez, deve avisar imediatamente o instrutor, mesmo que ainda não tenha feito nenhum exame para comprovação, para que se evite certos exercícios, garantindo uma gestação sem riscos.

vida

Durante esse período, a mulher sofre com intensas alterações musculoesqueléticas, físicas e emocionais, por isso os exercícios de alongamentos devem ser priorizados em função do aumento abdominal, o peso da mulher se desloca para a frente, alterando o seu centro de gravidade, aumentando a curvatura fisiológica da coluna, acompanhada de um projeção dos ombros que busca compensar essas alterações, bem como o crescimento das mamas e assim, causando dores. No início da gestação a mãe pode realizar os exercícios clássicos de fortalecimento abdominal iniciando o movimento pelo assoalho pélvico. Conforme a gestação progride se dá mais ênfase aos membros superiores, inferiores, assoalho pélvico e mobilidade da coluna. Usando assim, a musculatura abdominal para manutenção e suporte. Algumas precauções devem ser tomadas durante a prática de atividade física, como não alongar além da amplitude fisiológica normal, a posição em decúbito dorsal não deverá exceder cinco minutos, principalmente após a vigésima semana, realizar mudanças de

postura lentamente e não prender o ar durante o exercício. O Pilates também auxiliará a gestante no período pós-parto, facilitando o retorno mais rápido do abdômen e diminuindo a flacidez característica deste período. Em resumo, o Pilates na gestação proporciona: - Fortalecimento da musculatura estabilizadora do tronco, contribuindo para a manutenção de uma postura mais equilibrada; - Aumento da capacidade cardiovascular e respiratória; - Resistência da musculatura do assoalho pélvico; - Diminuição das dores do parto; - Força abdominal; - Maior mobilidade da coluna; - Baixo impacto articular; - Alongamento; - Melhora da circulação sanguínea; - Relaxamento; - Consciência corporal; E como consequência, a diminuição de dores lombares, musculares e bem estar.

Jornal Design | Serra 13


Foto Divulgação

Diabetes tipo 1 e exercício físico Profissionais de Educação Física: Sinara Gnoatto - CREF 003574-G/RS Dalila Cipriani - CREF 009909-G/RS O diabetes melito (DM), ou apenas diabetes é uma síndrome caracterizada pela incapacidade da insulina de exercer seus efeitos de modo adequado, elevando assim o nível de glicose no sangue (hiperglicemia). A insulina é um hormônio secretado pelo pâncreas que age em, praticamente, todas as células do corpo. Sua principal função é estimular o armazenamento dos nutrientes ingeridos (carboidratos, lipídeos e proteínas), sendo que os principais locais para este armazenamento são o tecido músculo-esquelético, o tecido adiposo e o fígado. Esse papel da insulina é importante para repor as reservas energéticas consumidas durante a atividade muscular. O diabetes tipo 1 é uma doença auto-imune no qual o sistema imunológico não reconhece as células β-pancreáticas - que são responsáveis pela secreção da insulina - como próprias do organismo, e passa a agredi-las causando sua atrofia e morte. Como consequência, o portador do DM tipo 1 torna-se insulinodependente, ou seja, necessita de aplicação exógena de insulina para o controle glicêmico. Relatos que datam de 600 a.C., já evidenciavam os benefícios do exercício físico no controle do diabetes. O treinamento físico adequado contribui para a melhora na qualidade de vida aumentando a sensibilidade à insulina, proporcionando melhora no controle metabólico e nos fatores de risco para doenças cardiovasculares. A insulina possui uma ação importante na ação muscular, uma vez que ela é responsável pelo transporte da glicose para a membrana celular e do armazenamento em forma de glicogênio. Ao realizar o exercício físico há uma contração dos músculos necessários para o desempenho da tarefa. Estes, por sua vez, necessitam da energia proveniente do glicogênio que foi transportado para a membrana celular pela insulina. O papel do exercício físico é de facilitar a retirada da glicose do sangue através da contração muscular. Porém, para realização de atividade física por parte dos portadores de DM tipo 1, alguns fatores devem ser observados. Antes de iniciar o exercício físico, o diabético deve ajustar gradativamente para menos a aplicação de insulina exógena e a alimentação, de forma que haja um equilíbrio entre a captação da glicose pelo músculo ativo (músculo que realizará a contração) e a liberação pelo fígado. Esse equilíbrio é necessário porque durante e após o exercício físico há redução na liberação de glicose pelo fígado e aumento da captação de

14 Jornal Design | Serra

glicose pelo músculo, podendo resultar numa hipoglicemia (diminuição da glicose no sangue). Vale lembrar que durante o período de recuperação do exercício há necessidade de reposição das reservas de glicogênio pelos músculos, o que também contribui para um quadro de hipoglicemia. Para que um indivíduo obtenha um controle positivo de glicemia com a prática de exercício físico, deve observar características próprias da atividade escolhida, como intensidade e duração. Exercícios aeróbicos com intensidade de leve a moderada contribuem para diminuição da glicose durante e/ou após o exercício. Estudos demonstram que os níveis de glicose podem manter-se mais baixos até duas horas após a realização do exercício, se estendendo até 24 ou 48 horas após a realização da atividade física em indivíduos que praticam exercícios regularmente há, pelo menos, dois anos. Vale ressaltar que exercícios físicos possuem um efeito agudo, apenas ajudando no controle da glicemia, não sendo responsável pela diminuição permanente de seus níveis. Já exercícios intensos e prolongados devem ser feitos com cautela ou evitados. Quanto mais elevada é a intensidade do exercício, maior é a taxa de captação de glicose pela musculatura que está sendo solicitada na atividade. Em contrapartida, outros hormônios, os contrarreguladores, estimulam a liberação de glicose pelo fígado fazendo com que seu nível fique elevado. Outro fator importante a ser observado por portadores de DM tipo 1 é de não realizar exercícios físicos com hiperglicemia (excesso de glicose no sangue) com o risco de piorá-la ainda mais. A lógica é simples, durante a prática dos exercícios o fígado libera através de processos metabólicos mais glicose na corrente sanguínea, que já está com a glicemia elevada pela falta de insulina. Se não há insulina, a captação da glicose pelo músculo fica prejudicada, aumentando ainda mais a quantidade de glicose no sangue. A Sociedade Brasileira de Diabetes recomenda que os exercícios aeróbios devam ser realizados de três a cinco vezes por semana, com sessões que variam entre 30 e 60 minutos, somando um total de, pelo menos, 150 minutos semanais. Já os exercícios com pesos devem ser realizados três vezes por semana. A programação deve envolver os grandes grupos musculares e a intensidade deve ser de leve a moderada. Não são indicados exercícios com pesos de alta intensidade. Também na prescrição de exercício deve-se observar

a presença de algum fator de risco nas doenças provenientes do DM. Um bom Profissional de Educação Física poderá fornecer ótimas orientações e possibilidades sobre a prática de atividade física. Os diabéticos que utilizam insulina devem ser bem orientados sobre como realizar o ajuste nas doses, e sobre a ingestão de alimentos para realizar atividade física. Se necessário, aumentar a ingestão de carboidratos antes e após o exercício físico e ter sempre à mão uma fonte de carboidrato para uso imediato durante ou após o exercício físico. Outra medida importante é medir a glicemia com maior frequência nos dias em que realiza atividade física. Desta forma será possível fazer as adequações necessárias, além de ter maior conhecimento sobre os efeitos do exercício físico no seu corpo. O portador de diabetes tipo 1 pode, e deve, levar uma vida normal. Para tanto é fundamental acompanhamento médico a fim de aprender a dosagem adequada de insulina em cada momento do dia, de acordo com as tarefas executadas. Outra grande batalha dos diabéticos é com o controle alimentar. Não pela falta de alimentos adequados, pois a indústria alimentícia tem obtido grandes progressos nesta categoria de alimentos, mas sim pela dificuldade em resistir e não cair na tentação das guloseimas que estão em grande oferta nas prateleiras do supermercado e nos armários de casa. Diz a sabedoria popular: tudo que é proibido é mais gostoso, mas não precisa ser assim. Com uma pequena dose de boa vontade é possível selecionar o que vai para a mesa e para a vida do diabético. Apenas para lembrar: visitas regulares ao médico de confiança, exercício físico e alimentação saudável não deve ser exclusividade dos portadores de diabetes, mas de toda e qualquer pessoa que deseja uma vida longa e saudável.

Fone: (54) 3055.4491 www.phantomacademia.com.br

vida


Jornal Design | Como e quando iniciou essa paixão por cortes de cabelo? Iva Vivan | Aos 10 anos de idade, quando sem noçao do perigo, já adorava fazer a barba e cerrar as unhas do meu avô de 90 anos. E também observava atentamente a coloração de forma líquida que minha tia colocava numa cumbuca de alumínio para pretear os cabelos. Sempre estava disposta a fazer todos os testes de cabelo propostos por minha irmã e minha tia, desde trancinhas, papelotte, babosa e até mesmo alguns cortes ousados. E dos 15 aos 17 anos já tinha certeza do que buscaria aoós o término do ensino médio.   

JD | Como foi sua trajetória? IV | Aos 17 anos fiz meu primeiro curso e aos 18 já administrava um salão e todas as responsabilidades que o acompanhava. Longe de casa, mal sabia o trajeto de voltar para casa e sem a tecnologia da internet. Portanto, minha vida se resumia em trabalhar durante toda a semana e nos fins de semana, cursos e mais cursos. Por vezes, ficava confusa, pois naquele tempo, os profissionais não transmitiam os assuntos detalhadamente. Mesmo assim, segui minha trajetória buscando participar de congressos, workshops, escolas conceituadas, treinamentos técnicos em colorimetria - que é minha paixão, tricologia - para a saúde do corpo e cabelo, tratamento capilar, entre outros. Junto à minha equipe, nossa maior preocupação com nossas clientes é a saúde do corpo, da mente e dos cabelos.   Hoje estou onde sempre busquei, com o conhecimento num momento de segurança. Sei o que posso, o que não devo e respeito o estilo e gosto de cada um.  

JD | Quais as tendências de corte para esse inverno? IV | As tendências para a estação mais elegante do ano são cortes mais curtos, cortes mais longos, cortes médios, movimento natural e luminosidade natural. Depende muito de cada cliente, se ela se sentir bem e souber vestir, a tendên-

vida

cia é essa - se sentir linda ao natural, independente de cor ou corte. É estar feliz com a opção e saber usar esta opção.  JD | E como saber a cor ideal?  IV | As cores que valorizam cor de pele e estilo, os tons que mudam desde os loiros frios (bege) até os quentes menos agressivos. Há poucos dias estive no nono Encontro Win, este evento abre o que é moda em 2014 - em make, moda e hair. E o momento pede descontração, simplificando, desacelerando e se reconectando com a vida. Queremos conforto, satisfação e vibração, é o que chamamos de energia boa. É mais que um estilo de vida. 

Foto Revelare

A magia de transformar com amor

Travessa Belém, 74 | 3451.1485 | 9195.7134 agendamento@ivaespacodabeleza.com.br www.ivaespacodabeleza.com.br

JD | O que podemos esperar da Iva? IV | O meu compromisso é direcionado especialmente para minhas clientes. E por elas, permaneço na constante busca em oferecer o meu melhor no atendimento, na qualidade nos meus serviços, com produtos qualificados no mercado e o melhor, a satisfação delas. JD | Quando a cliente senta em sua cadeira e deixa você livre, como visualizar o melhor estilo de corte? IV | É como uma mágica, procuro valorizar os pontos positivos da cliente e disfarçar os pontos menos favorecidos - estes são alguns dos segredos que aprendemos em conhecimento de visagismo - e ainda assim fazer uso da sensibilidade e bom gosto. JD | O que se deve levar em conta antes de escolher um corte de cabelo? IV | Primeiramente que fique bom para o tipo de rosto, mas é importante analisar o dia a dia desta cliente, pois ela tem que ser ela mesma, estar à vontade e sentir-se linda, a ideia hoje é simplificar, descontrair. Jornal Design | Serra 15


Foto Divulgação

Estou escutando pouco, e agora o que fazer?

16 Jornal Design | Serra

Viviane Martins Scomazzon | Especialista em Audiologia Clínica Todos os dias, cada pessoa passa por inúmeras experiências sonoras, desde quando acorda até o momento em que vai dormir. As situações vividas diariamente são captadas pelos ouvidos e enviadas para o nosso cérebro. Quando houver dificuldades de ouvir o telefone tocar, conversar com os colegas de trabalho e seus familiares, não escutar a televisão e rádio no volume que as outras pessoas da casa escutam, existe a possibilidade de estarmos com perda auditiva. Neste momento faz-se necessário a consulta à um médico otorrinolaringologista, que avaliará o ouvido e solicitará alguns exames auditivos. Existem exames, como a Audiometria Tonal Limiar e Audiometria Vocal que dependem da participação e colaboração do paciente, com o fonoaudiólogo realizando e auxiliando no exame. Existem outros exames auditivos em que o próprio equipamento utilizado no teste faz a leitura e captação das respostas referentes à função auditiva, tais como: Imitanciometria, emissões otoacústicas e potencial evocado auditivo. Com a consulta prévia ao otorrinolaringologista e o resultado destes exames, detectaremos o tipo e o grau da perda auditiva, e o médico define se a conduta será através de medicamentos, cirurgia ou por indicação e adaptação de aparelhos auditivos, ou associação de ambos. A maioria dos problemas de audição resulta de lesões de estruturas de orelha interna, a chamada perda neurossensorial, e entre os extremos de se ouvir bem e não se ouvir nada, há vários

graus de comprometimento. O grau de perda auditiva pode ser leve, moderado, severo e profundo. Como regra, essas lesões não podem ser revertidas, mas podem ser compensadas pelo uso de aparelhos auditivos. Os aparelhos auditivos digitais mais modernos e avançados são “pequenos computadores” de alta tecnologia. A fonoaudióloga regula os aparelhos através do computador e de programadores, dispondo de altas tecnologias para aparelhos de múltiplos canais, redutores de ruído ambiental, uso de controle remoto para a troca de programas, tecnologia bluetooth para uso do telefone e televisão e geradores de sons para pacientes com zumbido. É muito importante que o paciente realize a experiência domiciliar com os aparelhos auditivos, para determinarmos se este está atendendo as suas necessidades auditivas nos diferentes ambientes que frequenta. O processo de adaptação é individual, podendo ser muito rápido (poucas semanas) para alguns e mais demorado para outros. Estudos e observações feitas por mim em consultório comprovam que o uso do aparelho auditivo melhora a qualidade de vida, fazendo com que o usuário tenha um melhor relacionamento com a família, sinta-se mais seguro e independente em reuniões sociais, produzindo mais no trabalho e concentrando-se melhor. Isso gera mais conforto auditivo, melhor comunicação e felicidade, que na verdade, é o que todo ser humano procura.

vida


Sua Sala

no clima perfeito O inverno é a melhor estação do ano para curtir o conforto de uma casa quentinha e aconchegante. Na Sole Aquecimento você encontra as melhores opções em lareiras de alto rendimento para aquecer seu lar com menos lenha e muito mais calor.

soleaquecimento.com.br Rua Pedro Rosa, 327 . Progresso . Bento Gonçalves . RS Fone 54 3452.0333 . 54 3452.0999

casa

Jornal Design | Serra 17


Fotos Rômulo Fialdini

Um tal de fun design

Sobre Leo Romano Reconhecido nacional e internacionalmente por seu talento e criatividade ao transformar ambientes, o goiano de 42 anos, graduado em Design de Interiores, Design Gráfico, Arquitetura e Urbanismo e mestre em Artes Visuais, transita com propriedade pelo universo da criação. Em sua ampla cartela de clientes, destacam-se projetos para faculdades, bancos, lojas de decoração, bares, restaurantes, boates e outros. Destaque também para projetos residenciais em Goiânia e diversas praças. São de sua autoria os projetos da Sedna Lounge, Royal, Café de La Musique, Saccaro, Época Decorações, Maxim’s entre outros. A inovação e ousadia dos projetos que assina, juntamente com o aprimoramento profissional, lhe garantem um posicionamento de mercado focado principalmente em conceitos estéticos e espaciais únicos, que fazem do trabalho de Leo um exemplo de autoria e identidade. Para mais informações, acesse: www.leoromano.com.br

18 Jornal Design | Serra

casa


Fotos Rômulo Fialdini

com um certo requinte Conceito: O projeto do triplex de 800m2 revela o perfil de seus moradores: um casal de dois filhos que se hospeda na cidade no período de férias da família, que mora em Miami. No primeiro pavimento foram utilizados tons pastéis com detalhes personalizados. O segundo andar, com área de lazer, também abriga mesa de sinuca e brinquedoteca, reforçando a atmosfera de alegria. O último piso, com grande home, usa matizes escuros com pinceladas mais destacadas. Obras de arte de artistas contemporâneos deixam a residência ainda mais encantadora.

casa

Jornal Design | Serra 19


Giro do Design

Foto Divulgação

Alessandro Mendini

20 Jornal Design | Serra

Poltrona Proust

casa


Mesa Macaone

Fotos Divulgação

Luminária Amuleto

Sofá K2

Alessandro Mendini nasceu em 16 de agosto de 1931 em Milão e desempenhou um papel importante no desenvolvimento do design italiano. Os projetos deste arquiteto e designer têm sido caracterizados por seu forte interesse em misturar diferentes culturas e formas de expressão. Mendini cria gráficos, móveis, interiores, pinturas, projetos de arquitetura. Além disso, o designer é um dos fundadores da revista “Casabella” e da “Domus Academy”, a primeira escola multidisciplinar de design na Itália, criada em 1982. O caráter intemporal da “Poltrona di Proust” mereceu a atenção da Magis que convidou Mendini a desenhá-la agora em plástico, transformando-a numa peça de design industrial. Hoje com mais de 80 anos, Mendini tem um estúdio de design e arquitetura com o seu irmão Francesco Mendini, e mantém em paralelo uma carreira de professor na Universidade de Milão.

Sofá Kandissi

casa

Jornal Design | Serra 21


Do conceito à prática: ISaloni revela por Juliana Desconsi | Designer

Fotos Arquivo Pessoal

Em um tempo que o acesso à informação é amplamente facilitado e imediato, e o consumo de novidades é volátil e fugaz, tomar modismos como tendências é um equívoco cada vez mais frequente. O trabalho de pesquisa tornou-se um processo muito mais elaborado, em que a dificuldade deixou de ser o acesso ao conteúdo, assumindo o desafio de interpretá-lo corretamente. Sempre que temos a oportunidade de visitar os grandes centros mundiais - como é o caso do Salão do Móvel de Milão, referência global no meio moveleiro - somos municiados com um volume muito grande de dados. Mais do que reconhecer quais as cores em alta, ou os acabamentos e padrões mais aplicados no mercado europeu, cabe ao profissional de design a missão de identificar movimentos e mudanças comportamentais - cujo reflexo nas práticas de consumo são muito mais duradouros e impactantes para o setor produtivo. Durante a estadia em Milão para acompanhar a programação do Salão, foi possível perceber de forma inquestionável como, por lá, o conceito da sustentabilidade deixou o papel e assumiu as mais variadas aplicações reais. A natureza está inserida sob diferentes

22 Jornal Design | Serra

formas práticas - desde os estandes das empresas aos produtos por elas apresentados. Até a arquitetura da cidade já exibe os sinais dessa transformação e antecipa a proposta da ExpoMilão de 2015: nutrir o planeta, energia para a vida. Obviamente essa mudança de postura da sociedade - muito mais consciente de sua responsabilidade perante a conservação do meio ambiente e da importância dessa relação para a manutenção da qualidade de vida - tem reflexo direto no que chega ao mercado. Os produtos têm sua construção mais simples; os móveis privilegiam tons de madeira natural, o tamburato fica visível nos tampos dos móveis - uma série de soluções pensadas para trazer ao dia a dia esse conceito de relação harmoniosa com o meio ambiente. Aos fabricantes dos outros polos, vale atentar para o início dessas mudanças, em breve permanente. As alternativas sustentáveis podem ser encontradas nos mais diferentes segmentos e são opção factível para qualquer produto - vale, para isso, buscar o conhecimento de um profissional especializado que utilize o design como ferramenta capaz de agregar esse conceito como diferencial real e competitivo à sua marca.

casa


Isaloni 2014 – Insigths Manter-se conectado com o melhor do design internacional gera base para mantermos nossos trabalhos sempre na vanguarda. Por isso, aterrizamos pelo décimo primeiro ano na capital mundial do mobiliário, Milão. Nenhum outro espaço da casa transformou-se tanto nos últimos tempos quanto a cozinha. Ela ocupa área nobre e social nas residências e é necessário apresentá-la cada vez mais bonita e com design inovador. Por isso, a maioria delas foi apresentada com ilha central, dispensando os tradicionais fogão e coifa. Atualizadas para ambientes cada vez mais tecnológicos e que facilitam a utilização e convívio das pessoas através de sistemas confortáveis de aberturas e fechamentos de portas, exaustão, entretenimento com som, imagem e iluminação. Aço e branco estão de volta na leitura das cozinhas, mas a madeira com textura aparece com muito destaque. As cores estavam presentes em detalhes de decoração ou em nichos, mas raramente encontram-se cozinhas totalmente coloridas. Em materiais, o destaque mais um ano foi a cerâmica, e também para peças porosas, como cortiça e concreto. Com grande destaque, metais como o cobre, bronze, prata, ou dourado apareceram com muita força decorando ambientes em pequenos detalhes, como adornos, mesinhas de apoio, cadeiras, puxadores e acessórios. Para móveis produzidos com painéis como homes teathers e quartos, o metalizado também foi apresentado no acabamento oxidado e perolizado, bem como em padronagens de pedras. A busca por formas mais puras prevalece. O minimalismo, característica do design italiano, a cada ano mostra-se mais presente nos móveis. O que também

casa

Fotos Studio Marta Manente

por Marta Manente | Designer

se destaca nesta edição, são diferentes volumes no mesmo móvel, que quebra a seriedade do minimalismo e proporciona ousadia nos ambientes. Móveis contemporâneos conversam com o estilo retrô e clássico através de detalhes, como no uso de pés de madeira, que dão força às linhas puras de móveis laqueados. Ou até mesmo na decoração de interiores, misturando os estilos na seleção de peças e adornos, proporcionando elegância aos ambientes. Nos móveis estofados, como sofás, poltronas, cabeceiras e afins, notou-se a tendência da alfaiataria em muitos detalhes. Sejam nas costuras bem marcadas, que a cada ano de Isaloni aumentam de tamanho, e principalmente na estampa mais vista em todos os pavilhões, a clássica Pied de Poule, que este ano estava com a escala reduzida. Redesenhada, a micro Chanel, muitas vezes estava na construção de estampas xadrez, listrada e também nas coloridas. Estofados com cores lisas e almofadas com estas estampas compondo o

ambiente, muitas vezes faziam acabamento interno de móveis, tampos de mesinhas, internos de luminárias e revestimentos de parede. Os sofás, na sua maioria, com almofadas soltas e confortáveis proporcionam uma certa liberdade ao usuário de poder alterar as capas das almofadas conforme a moda, para os adeptos a atualização da decoração. Ainda imperam veludos e linhos, desde cores blasés, até berinjela, bordô, verde, azul e muito amarelo. Estonados e degradês de cores foram vistos em poltronas e tapetes em diversos ambientes. O que se viu em Milão é que o mundo do design e da decoração é absolutamente adaptável. Pode-se compor ambientes de vários estilos, de acordo com o gosto de cada um. Cada vez mais se observa uma gama enorme de materiais, texturas e cores, o que demonstra que a indústria está cada vez mais confiando na liberdade de seus designers, com o intuito de atingir um número cada vez maior de consumidores.

Jornal Design | Serra 23


Foto Free Images

Sol: Fonte de Vida, Luz e ENERGIA

24 Jornal Design | Serra

Faz tempo que a energia solar já faz parte do cotidiano de muitos países, mas agora ela está também em residências de diversos lugares do Brasil. Devido o crescimento populacional, está cada vez mais difícil atender toda a demanda de energia. O resultado disso é um custo cada vez mais elevado, além de interrupções no fornecimento, também conhecidos como “apagões”. Mas não é só isso: o consumo de combustíveis poluentes e não renováveis vem causando estragos irreparáveis ao planeta. Mas isso tudo provavelmente você já sabia. Então vamos falar das novidades. Já imaginou sua casa ser autossuficiente em relação à energia elétrica, economizando e ainda ficando livre dos apagões? Com os painéis fotovoltaicos da

Multi Aquecimento ficou fácil, rápido e seguro ter todas estas vantagens. Todo o sistema de energia solar é conectado diretamente a sua rede elétrica, garantindo total aproveitamento da captação e oferecendo conforto e comodidade para sua família. E para oferecer toda a qualidade e assistência que você precisa, a Multi Aquecimento tem uma equipe preparada para atender a cada projeto. Entre em contato e aproveite para conhecer cada detalhe dos painéis fotovoltaicos. Bento Gonçalves Fone/Fax: 54 | 3451.7777 E-mail: m@multiaquecimento.com.br

casa


Fotos Divulgação

Lançamento na Artelana: Cortina Skyline Luxaflex® A Luxaflex® lança a Skyline, uma cortina para grandes vãos compostos por painéis sobrepostos e medidas de quase 10 metros de largura por cinco de altura. Ambientes amplos, que necessitam de um controle de luminosidade, privacidade e bloqueio de luz, merecem uma cortina leve, com versatilidade e tecnologia de recolhimento inteligente, além de contar com uma ampla coleção de tecidos. A cortina Skyline é especialmente indicada para grandes vãos, chegando a dimensões máximas de 9,75 metros de largura e altura de 4,26 metros para acionamento manual, e 4,85 metros de largura e altura de 4,26 metros, para acionamento motorizado. Com um visual uniforme, a Cortina Skyline também tem outros grandes diferenciais, principalmente na escolha dos tecidos. São 44 opções de tecidos, com

casa

diferentes cores, estampas e texturas, sendo 23 decorativos, quatro blackouts e 17 telas solares (ou seja, tecidos funcionais). O lançamento da Luxaflex® para 2014 possui um único trilho superior, com apenas duas vias, o que permite a utilização de vários painéis em um formato mais compacto. Isso significa menor profundidade do produto e contribui para um visual discreto e clean da cortina no ambiente. A cortina Skyline é também é uma excelente opção para a divisão de ambientes, proporcionando ao ambiente integração ou privacidade – de acordo com o movimento dos painéis. Venha conhecer a cortina Skyline, na Artelana – revenda exclusiva Luxaflex® na cidade de Bento Gonçalves.

Jornal Design | Serra 25


Foto Freeimages

Cores vibrantes traduzem o novo conceito da Multi Arte Estofados por Moresco Studio e Roberson da Fré Todos os dias, milhares de pessoas andam pelas ruas e respiram o ar monocromático das cidades contemporâneas. E marcada pela sisudez estrutural das metrópoles, a vida se apresenta em tons de cinza. Então, que tal mudar? Com as cores, as cidades ganham vida, beleza, singularidade, encanto e um novo fôlego frente ao caótico movimento urbano. Cidades coloridas impressionam e modificam nossas emoções. Ao contemplá-las, há uma fusão entre o real e o imaginário que colore e modifica o dia. Sempre pensando em funcionalidade e beleza, a Multi Arte agregou à sua coleção um mundo de cores, que irão deixar o seu ambiente intenso e alegre.

26 Jornal Design | Serra

A nova coleção da Multi Arte abre um leque de opções que irá conquistar você. São estofados e poltronas com um design marcante e que agora, vêm vestidos com cores vivas e irresistíveis. Como o modelo 24-2 que une várias tendências de decoração em um único produto. Ele traz desde as linhas retas e puras, sempre atemporais, até o matelassê em listras, que imprimem personalidade e despojamento. Isso tudo em diversas opções de cores que, certamente ficarão perfeitas em qualquer ambiente. Siga as tendências mundiais em decoração com a Multi Arte, transforme-se, viva o colorido e deixe a cor mudar o seu dia.

casa


casa

Jornal Design | Serra 27


nossa obra

Fotos Divulgação

valorizando o conhecimento, unindooprofissionais valorizando conhecimento, unindo profissionais

28 Jornal Design | Serra

nossa obra


nossa obra

nossa obra

valorizando o conhecimento, unindo profissionais

Jornal Design | Serra 29


Dilson, gestor da Todeschini, com Thiago e Diego

Jorge Palastreli, diretor industrial; Joni Farina, diretor presidente; José Eugenio Farina, presidente do conselho; Thiago e Diego Trevisan, lojistas Todeschini; Virginia Farina, diretora financeira; Nereu Gonzati, diretor comercial.

30 Jornal Design | Serra 24,5x16.indd 3

Os empreendedores Diego e Thiago Trevisan estão comemorando o desemprenho da equipe da loja autorizada Todeschini de Bento Gonçalves, que recebeu a distinção Prata do Programa de Excelência, realizado anualmente pela fábrica, que tem o objetivo de avaliar, orientar e motivar as lojas, na busca de melhores resultados em vendas, incremento na participação do mercado, maior lucratividade e gerar a satisfação do consumidor. O instrumento de avaliação das lojas possibilita, mediante critérios de pontuação, a elaboração de um diagnóstico sobre as questões estruturais da loja, bem como sua forma de atuação e os resultados pela equipe obtidos. Um programa dinâmico, detalhado e enriquecido ano a ano, essencial como insumo para as lojas atuarem em busca de aprimoramento no nível de prestação de serviço oferecidos pela rede ao mercado. A Loja de Bento Gonçalves recebe a premiação pelo terceiro ano consecutivo, motivo de alegria de toda a equipe. “É uma satisfação imensa receber essa premiação, pois é o reconhecimento de um atendimento personalizado que procuramos fazer pessoalmente e uma equipe comprometida”, concluem Thiago e Diego.

Diego e Thiago Trevisan com três premiações consecutivas

Equipe comercial: Nelcira, Nairana, Rodrigo, Tamille, Sheila e Tamara

Fotos Silvia Perusso

Fotos Divulgação

Loja Todeschini Bento Gonçalves, novamente premiada

Equipe de montagem : Vagner, Felipe, Sandro e Fiorindo

casa

28/04/2014 09:02:13


estilo

Jornal Design | Serra 31


Fotos Divulgação

S+T

Um dossiê de sentimentos Quando resolvi registrar tudo sobre o nosso casamento, por um momento pensei que era loucura, afinal são tantos os preparativos em busca da realização de um sonho, imaginem então escrever sobre ele. Por outro lado, da forma que aconteceu, com todo um planejamento, prazos organizados para cada item, enfim, defini que sim, apesar de preferir os bastidores desta publicação, eu faria esse relato pessoal, até porque seria injusto e egoísta de minha parte não compartilhar com as pessoas que fizeram parte deste longo processo até o grande dia. Definido que escreveria com muito zelo sobre cada momento, apenas uma ressalva antes de iniciar – casar é mágico, divino, inspirador, encontre a pessoa que te completa e case-se! Conceito Iniciamos nossa jornada recordando nossa história, revivendo cada momento e registrando todos os aspectos relevantes que resultariam em inspirações para o grande dia. Foram horas conversando a respeito do conceito deste dia tão especial, afinal, o estilo do casamento nada mais é do que o reflexo dos noivos. E após uma longa coleta de dados e uma bela análise sobre todos eles, nascia o DNA do evento: Casaríamos no dia 01 de fevereiro - data em que comemoramos aniversário de namoro; Cerimônia religiosa em meio à natureza

32 Jornal Design | Serra

- reunir com amigos ao ar livre é uma programação sempre bem vinda; Trilha sonora ao vivo - a música é o tempero da nossa relação e, em momentos especiais, música com emoção é fundamental; Recepção em ambiente intimista - se tem algo que gostamos muito é receber e ser recebido com carinho, atenção e aquela sensação de estar em casa; Fusca 68 - após nove meses na restauração, a raridade do noivo não poderia ficar de fora, assim como a Chanel, a nossa pug de estimação. Partindo destes pressupostos, iniciamos nossa pesquisa de campo, onde os desejos começariam a tomar forma.

estilo


O local

quando conhecemos o Casarão Toniolo tivemos plena certeza que ali era o “nosso” lugar. Percorrer as dependências do Casarão é como dar uma volta ao passado, conhecer os usos, costumes, mobiliários e as ferramentas de trabalho que construíram o legado de uma família. Um lugar mágico, um lugar de sensações, seja para relaxar nos fins de tarde ou então, para celebrar momentos mais que especiais, assim, como o nosso casamento!

Fotos Revelare

Tínhamos exigências e princípios bem claros quando iniciamos a busca pelo local, buscávamos muito mais do que “quatro paredes”, buscávamos pessoas que trabalhassem com sonhos. Através de uma indicação, seguimos a caminho do endereço. Os bom ares de uma bela paisagem verde já nos recepcionava, o aroma inebriante da Linha Eulália pairava no ar, assim como o intuito de que estávamos no caminho certo e, se o “sentir-se em casa” era um quesito importante,

Casarão Toniolo 1927

Casarão Toniolo - Espaço para eventos - Linha Eulália alta - Bento Gonçalves - RS Rosângela Toniolo - 91184362 - casaraotoniolo@hotmail.com

Casarão Toniolo - Espaço para eventos estilo

Jornal Design | Serra 33


Fotos Revelare

A decoração Ambiente rústico, ar vintage, energia intimista e pitadas de romantismo. Organizar um casamento que segue este estilo requer atenção e apreço redobrados, é valorizar o que a natureza nos oferece, harmonizando o ambiente com o seu toque pessoal. O toque pessoal ao qual me refiro, é justamente o toque de requinte, é a aptidão em unir o rústico com a suavidade do delicado sem intervir nas qualidades de cada um. E para essa missão, designamos a profis-

34 Jornal Design | Serra

sional Adelinda Cavalet - Linda Flores e Decorações, para assumir a responsabilidade na organização de todos os detalhes. A ideia era trabalhar a questão do contraste entre o natural e o produzido em massa, o rústico e o delicado, o antigo e o novo. Para compor o ambiente, optamos por mesas e cadeiras bem italianas, aquelas que reuniam as grandes famílias de antigamente. Cadeiras de madeira com o assento produzido artesanal-

mente, e mesas retangulares em tons terrosos que são muito convidativos e naturalmente transmitem aconchego e tranquilidade. A composição dos sousplats em tons de azul tiffany e marinho com arabescos deram o toque de requinte, e as velas e flores em branco e verde da decoração que transmitiam paz, alegria e vida. Para identificação das mesas, foram utilizados porta-retratos rústicos numerados e, brincando novamente com o

contraste, os suportes de guardanapos receberam a delicadeza do ramo de mosquitinho. E entre tantos contrastes e detalhes, o “ar intimista de casa” era muito bem representado pelo casal de pombos de cerâmica no topo de uma torre rústica. Ali estava a pureza da natureza com a leveza do que é produzido pelas mãos do homem.

estilo


Fotos Revelare

O menu

Nossas escolhas até então estavam se encaminhando com sucesso, então era hora de definir o buffet. E sem destoar da proposta, cegamente procuramos pelo Chef Valnil Júnior – Estrada Velha, um profissional que me lembra a farta culinária italiana, as panelas de ferro, o tempero marcante, a comida da avó. O menu foi cuidadosamente escolhido para atender às mais diversas preferências e para melhor aproveitamento dos convidados, o jantar foi servido à inglesa. Como entrada, crostinis de pesto de

rúcula e tomate seco, bruschetas de salamito e parmesão, grissinis de gergelim e focaccia de alecrim e azeite de oliva. Para a salada empratada, optamos pela cássica Siciliana. Contemplando os pratos quentes, filé mignon ao molho de vinho do porto, risoto de aspargos ao creme gorgonzola, filé de frango grelhado ao molho mostarda, penne flambado ao funghi chileno e filé de anjo na manteiga de alcaparras. E para finalizar, tiramissú de cacau e café com suspiros e chocolate meio amargo, uma sobremesa muito saborosa com apresentação linda de viver.

Estrada Velha Buffet

estilo

Jornal Design | Serra 35


Fotos Revelare

Os doces

A mesa de doces é sinônimo de imponência, é aquele cenário que mescla texturas, cores e visual em perfeita harmonia. É uma das grandes atrações da noite, seja pelo estilo ou pela enorme vontade que dá de se deliciar com todas aquelas maravilhas. Com a certeza de que a decoração da mesa de doces já se encontrava em boas mãos, a prioridade do momento se concentrava na apresentação e, principalmente, no sabor dos doces. E degustar é primordial, todo e qualquer detalhe faz muita diferença, além de demonstrar o quanto valoriza seus convidados.

Seguimos em busca de fornecedores e, através de indicação, nos encontramos com Gabriela De Gasperi – Doces Gabriela, a fim de realizar a prova dos seus doces e, bingo! Nada de doces cheios de açúcar, e nada de doces que prevalecem apenas o sabor chocolate. Além da criatividade e talento da profissional, ficamos satisfeitos com as opções e com a apresentação de cada doce, mas principalmente com a originalidade dos sabores. Missão cumprida, uma mesa cheia de charme, composta por doces que despertam sensações.

A fotografia

É um fato científico que nossas memórias diminuem com o passar dos anos e grande parte delas será esquecida em algum momento. Felizmente, elas podem ser renovadas e até mesmo se tornarem mais maravilhosas através das imagens captadas naquele momento importante. A escolha de um profissional envolve muitos cuidados, já que o objetivo é registrar toda a beleza, emoção e detalhes que, por conta da correria do dia, não será possível notar. É através das imagens que teremos a oportunidade de reviver o nosso casamento e sentir todas aquelas sensações mais uma vez, e com certeza, o álbum se torna um tesouro pessoal. E por buscarmos

36 Jornal Design | Serra

um profissional que lidasse com sentimentos, nada melhor que alguém que já nos conhece, alguém da família, por isso não hesitamos em conversar com James Rodrigues – Revelare, que nos acolheu com aquele carinho típico bem familiar. Queríamos registrar cada passo do grande dia, desde o making of, que é onde o sonho se inicia, quando a felicidade e a ansiedade se únem em um sentimento único e assim podemos relembrar cada detalhe, até o fim da festa. Para nós noivas, este é o dia em que nos sentimos mais belas do que nunca. Por isso, ter fotos que registram com precisão todos os detalhes dessa produção é fundamental na composição de uma lembrança inesquecível.

estilo


A trilha sonora

estilo

da escolha. Explicando melhor, com 16 anos e o título de Embaixatriz do Vinho da XII Fenavinho, enquanto recepcionava os visitantes da festa, apreciava cada nota de belas melodias. Aquele som era tão agradável e tão viciante que no primeiro contato com o artista, automaticamente eu declarei: “Quando eu casar, você vai cantar!”. E assim aconteceu Rodrigo Soltton Show, tínhamos plena certeza de que ele superaria nossas expectativas através de músicas com personalidade, qualidade e aquela nota especial - um segredo entre ele e seu piano - que causa arrepios e a lágrima de emoção logo em seguida.

Foto Revelare

Somos muito ligados em música, é incrível o poder que ela tem de nos levar para um cantinho da memória e fazer reviver momentos. Ela tem o poder de inspirar, de animar, de acalmar, enfim, a música tem o poder de mexer com os sentimentos mais ocultos de uma pessoa. E entre tantas opções, a tarefa de escolher a trilha sonora para cada momento da cerimônia parecia difícil, já que a ideia de trabalhar com as tradicionais nem havia sido cogitada. Mas há muitos anos, eu já havia me comprometido com um profissional da música espetacular, o que facilitou esse processo

Jornal Design | Serra 37


Foto Revelare

O filme

O vídeo de casamento é o complemento fundamental da fotografia. Ele é o responsável pela perspectiva diferenciada do grande dia e dará som e movimento na recordação. Inicialmente, confesso que não estávamos convencidos em fazer a filmagem do nosso casamento, talvez pelo receio daquele momento que não aconteceria conforme planejado, e ficar com aquela lembrança indesejada. Foi então

38 Jornal Design | Serra

que, nos acréscimos da partida, corremos a procura de Altemir Saibel – Altemir Vídeo e Foto, que mesmo há poucas semanas do casamento, atendeu nosso pedido com muita atenção e carinho. Hoje, só temos a agradecer nossa cerimonialista pelo tempo que dedicou nos convencendo e orientando a não deixar esse momento passar despercebido, afinal, o vídeo é que capta todas as expressões em movimento, que ofe-

rece a possibilidade de reconstruir os momentos mais especiais daquele dia, e se algo que não estava no protocolo acontecer, relaxa, você terá um dvd rico em extras, flagrantes que serão editados com muito humor. Uma lembrança única dos noivos, composta por movimento, vozes, músicas, expressões, detalhes especiais que dá vontade de assistir o vídeo um milhão de vezes.

estilo


Fotos Revelare

Som, luz e imagem

Um conjunto de tarefas crucial para uma festa de casamento, onde cada item e suas particularidades contribuem para um cenário deslumbrante na sua totalidade. Um ambiente bem iluminado se torna aconchegante, além de transmitir um charme todo especial nos pontos destacados por ela, principalmente nas folhagens. E em um evento com estilo rústico, a iluminação tem o dever de incrementar a temática local. Para deixar o local com ar mais intimista, haviam LCD’s espalhadas pelo local para que nossos convidados fossem recepcionados com imagens do nosso ensaio fotográfico realizado no próprio Casarão Toniolo e assim, acompanhassem a exploração de cada cantinho do

estilo

lugar em que estavam. E ao abrir a pista de dança, o som é um elemento muito importante e atrativo do evento. Independente do tamanho da festa, a missão é causar impacto nos convidados através de um bom dj. Por isso, optamos por um profissional da região com perfil adequado, e apenas orientamos que o playlist fosse organizado com diferentes gêneros, décadas, estilos e gostos. Com todos esses requisitos em mente, nossa expectativa foi atendida quando trocamos algumas ideias com Ricardo Piccoli - DWR Som, luz e imagem, que com toda sua experiência no segmento, aliado ao suporte ideal para a ocasião nos deixou satisfeitos com a proposta apresentada.

Jornal Design | Serra 39


Foto Revelare

Padrinhos e Madrinhas

Sabemos que os personagens mais importantes de um casamento são os noivos. Porém, existem outras pessoas com alto grau de importância nessa data, que devemos escolher criteriosamente: os padrinhos. O papel do padrinho e da madrinha em um casamento se divide em duas coisas de extrema necessidade: testemunhar a união do casal e colaborar com a mesma. Bem, tínhamos o compromisso, a responsabilidade e a honra de escolher os padrinhos e não era uma tarefa fácil, afinal queríamos proporcionar esse momento à tantas pessoas. É um momento bem emocionante e entre tantas formas de fazer esse convi-

40 Jornal Design | Serra

te especial, definimos que os padrinhos seriam abordados inesperadamente com um envelope que constava a pergunta crucial e uma caixa envolvida por um laço. Preparamos convites e presentes personalizados, para padrinhos e madrinhas, levando em consideração o conceito que havíamos planejado. Para as madrinhas, combinamos que usariam vestidos nos tons de rosa, independente do modelo. Mas eu precisava presenteá-las, e decidida, procurei por Cassiane de Assis – Mel de Assis Acessórios, que através do seu trabalho artístico com pedras Swarovski, produziu peças de brilho único para que eu pudesse presentear minhas madrinhas. E ao aceitar o convite, elas receberiam

um presente especial, um anel de cristais para que utilizassem como acessório no dia do casamento. Já para os padrinhos, combinamos que usariam terno preto, com colete e camisa a rigor. E o presente para estarem à altura das meninas? Consultei Sabrina Lima e Rosa – Lima Rosa Alfaiataria, que cuidou com todo carinho deste outro fator importante. Através de um metro de ceda, costuras exatas e muito amor pela alfaiataria, a equipe produziu elementos de destaque para os nossos padrinhos. E ao aceitar o convite, eles receberiam uma gravata borboleta de cetim rosa para que estivessem em plena sintonia com seus pares no dia do casamento.

estilo


Foto Revelare

As lembranças Mais do que compartilhar nossa união com pessoas queridas, queríamos que elas pudessem lembrar com carinho do nosso dia especial. E não tem nada mais gostoso do que acordar no dia seguinte e relembrar momentos vividos com pessoas queridas. Portanto, procuramos auxílio de Michele Perin – Mimos Lembranças e Presentes, que nos apresentou milhares de possibilidades e nos orientou a encontrar a melhor opção, aquela que revelasse nosso estilo pessoal, que refletisse nossa personalidade, que fizessem uso e mesmo assim permanecesse como uma função decorativa. E como já revelado que nosso hobby é estar entre amigos e celebrar a vida, um bom drink para o brinde é sempre fundamental. Era isso, um drink se tratava da nossa identidade, então definimos por um mini Jack Daniel’s personalizado. Uma proposta cheia de estilo, uma forma de agradecer às pessoas pela alegria vivida conosco. Importante é eternizar momentos únicos, e sobretudo inesquecíveis, porque a vida é construída nos sonhos e concretizada no amor.

estilo

Jornal Design | Serra 41


A energia Fotos Revelare

Conforme a Lei de Murphy diz “se algo de errado pode acontecer, acontecerá se você não estiver preparado”, é implacável. Ou seja, nos preocupamos em organizar todo um planejamento baseado nos aspectos visíveis do evento, mas um detalhe muito importante e que não ostenta uma posição de luxo é o gerador de eletricidade. E nós não queríamos correr esse risco, então precisaríamos de um gerador sobressalente para que a festa não se tornasse um jogo de sorte e azar, além de entender que esse cuidado era também uma expressão de carinho para com nossos convidados.

O equipamento oferece a modalidade na qual o mesmo pode ficar em stand by, apenas entrando em funcionamento caso ocorra a falta de energia elétrica, ou então no modo online, onde os equipamentos ligados à ele ficam permanentemente sendo alimentados pelo gerador sem nenhuma oscilação no momento que faltar energia. Entendemos perfeitamente todas essas funcionalidades quando conversamos com Giancarlo Lopes – Enersul Geradores, quando na sua competência como profissional permaneceu no local durante todo o evento. E esse é outro fator bem importante, uma segurança essencial.

A produção Era dia de sonho, dia de festa, dia de amor. E para o grande dia, fomos presenteados pelos nossos padrinhos Silvia e Juliano com o dia do noivo e dia da noiva nos espaços dedicados exclusivamente à este momento, no Jane Beauty Centro Estético. Ali no spa, tive momentos de relax ao estar só, momentos emocionantes junto às mulheres da minha vida - minha mãe, minha irmã e minha pequena Giulia, momentos de alegria junto às

42 Jornal Design | Serra

minhas queridas madrinhas, momentos de ansiedade com o passar do tempo e um longo filme passando na mente. Enquanto isso, no espaço do noivo, lá estava ele, na companhia dos pais, padrinhos e amigos apreciando um drink e se divertindo com o conhecido humor de Thiago. Desta forma, o fim da tarde se aproximava e os profissionais do centro estético já finalizavam a produção de todos que ali estavam por uma única causa: o nosso casamento.

estilo


Fotos Revelare

O traje do noivo Era hora de pensar no traje do noivo, e precisávamos de uma proposta muito além do vestir, precisávamos de um atendimento personalizado, precisávamos de Samantha Paz – Identidade Homem, é incrível o compromisso que a equipe tem com cada cliente. O atendimento vai muito além de comercializar roupas masculinas, seja pelo ambiente convidativo, pelo clima aconchegante, mas o fator predominante e que encanta é o envolvimento com a ocasião e a sintonia criada naquele momento. Confesso que eu estava ansiosa, afinal se tratava do nosso sonho e a expectativa era muito grande, eu queria que o noivo vestisse um traje imponente, de

estilo

acordo com a ocasião. E no decorrer do processo, com a competência da equipe durante a escolha do traje ideal, na customização do mesmo e nos ajustes finais, ele estava perfeito. Um belo terno prata, elegante pelo modelo, charmoso pelos detalhes e, substituindo a dupla tradicional camisa e gravata, pela composição de camisa a rigor e gravata borboleta. E para finalizar, a equipe ainda levou o terno até o local em que noivos, pais e padrinhos estavam reunidos e o profissional Anderson Pereto, orientou os mesmos a vestir corretamente os trajes. Em resumo, a minha ansiedade lá no início terminou com um longo suspiro de satisfação.

Jornal Design | Serra 43


E finalmente, o meu vestido de noiva. Tão importante quanto tantos outros fatores, o vestido é sempre um grande mistério, é quem ganha os holofotes desde a entrada a caminho ao altar até o final da festa, é o responsável por fazer a noiva sentir-se linda. Assim como cada noiva tem suas particularidades ao escolher o modelo ideal, comigo não era diferente, eu tinha requisitos a serem respeitados - o conceito do casamento e o meu bem estar. E a pessoa que atenderia com excelência meus pedidos era Ricardo Rambo – Personal Stylist, uma pessoa sensacional, com um coração enorme e valores únicos, além de um profissional atencioso, dedicado e objetivo. Na primeira conversa com ele, colocamos no papel as especificações que determinariam o estilo do meu vestido: um modelo sensual, sem ostentação, elegante e que não fosse branco. E algumas semanas depois, ele me apre-

44 Jornal Design | Serra

Fotos Revelare

O vestido da noiva

sentou quatro croquis muito originais, todos seguindo a proposta definida inicialmente, apenas com detalhes que diferenciavam as opções. Foi uma decisão difícil, porém, com o auxílio dele tudo se tornou mais claro e assim, estava definido o modelo. Cetim de seda pura, organza cristal e rendas francesas. Com vários metros destes tecidos, aos poucos, nascia o vestido dos meus sonhos e a cada prova realizada eu me sentia mais exuberante, mais mulher e mais feliz por ter ao meu lado esse profissional detalhista e muito competente. Me sentia muito segura por ter o acompanhamento dele em todas as escolhas referentes à minha imagem, envolvendo desde o detalhe do cabelo, feito com a mesma renda do vestido com aplicação de bordados, as joias delicadas em forma de pontos de luz para os brincos, até o conceito do bouquet com flores brancas naturais com detalhes em renda.

estilo


Fotos Revelare

Considerações eternas E quando tudo terminar, quando surgir um longo suspiro, aquele alívio que consiste em uma mistura de sentimentos lindos e envolventes, ficamos apenas com as lindas recordações e com a certeza de que nada foi em vão, que valeu cada minuto, que viveria tudo novamente e principalmente que, a partir daquela data, o mundo não seria apenas uma promessa, seria um

sonho composto de dois existir. A partir daquele momento, os sentimentos seriam vividos e sentidos juntos. Motivo de alegrias e de conquistas comtempladas por dois corações. Um sonho recém plantado e abençoado por Deus, que dará frutos do verdadeiro amor. Que toda essa nossa caminhada seja repleta de amor, compreensão e muita felicidade!

Com carinho, Silvana & Thiago – Just Married

estilo

Jornal Design | Serra 45


Bom senso para o casamento por Ricardo Rambo | Personal Stylist Quando o assunto é casamento, parece que todas as categorias conhecidas de bom senso desaparecem e qualquer loucura pode ter vez. Até com pessoas sabidamente moderadas e inteligentes. Casamento coloca os figurantes numa terra de ninguém, onde tudo parece ser permitido. Noiva, mãe da noiva, família da noiva, padrinhos e madrinhas mudam de personalidade. Viram todos protagonistas de um filme conhecido, mas que se renova a cada exibição. Casamento é o tipo da situação que faz as pessoas vestirem roupas que nunca na vida usariam noutro lugar ou em outra circunstância. Mas, entra ano e sai ano, se existe uma moda que nunca sai da moda, são as roupas de casamento. São sempre um pouco parecidas, e por isso resistem melhor do que qualquer outra

46 Jornal Design | Serra

roupa num álbum de fotografias; não fosse pelo cabelo ou pela maquiagem, ninguém saberia muito bem dizer o ano deste ou daquele casamento. Nem por isso é uma roupa fácil de se encontrar ou de escolher. O curioso é que as mais atormentadas por dúvidas são as madrinhas e as mães, e não, as noivas. Essas, desde pequenas já parecem saber muito bem o que querem: um vestido deslumbrante, uma festa incrível, um noivo e amor eterno. Códigos do que vestir ou não em um casamento, todos já conhecem, o que ressalto aqui é, nesse momento, independente de idade, classe social, cor ou religião, todas as loucuras passam pela cabeça de quem está envolvido numa cerimônia de casamento. Por isso, o que deve ser levado em consideração, é o bom senso.

estilo


estilo

Jornal Design | Serra 47


Peças exclusivas e vestidos especiais para todos os estilos de noivas e madrinhas Cores, tons, modelos exclusivos e de alta costura assinados pela estilista Glauciane Dapieve. Neste editorial você encontra inspirações para noivas e madrinhas acertarem na escolha do vestido. Apresentando vestidos que investem nas aplicações de rendas bordadas à mão, transparências e pedrarias nos tecidos gazar de seda pura, tule italiano e georgete para inspirar!

Fotos Silvia Tonon

O ensaio foi realizado no Hotel Laghetto Viverone e no charmoso Café Viverone e fotografado por Silvia Tonon. As modelos Bia Valduga e Roberta Barcelos foram produzidas por Iva Espaço da Beleza. Os vestidos de noiva são exclusivos da Dapevie Atelier, e os da madrinha são Leg’s. Compõem esses lindos looks, os acessórios Mel de Assis e Beta Barcelos. O bolo e os glamorosos docinhos são Romeu e Julieta.

48 Jornal Design | Serra

estilo


Tomara que caia com cinturão em camurça, bordados com pérolas - LEG’S.

estilo

Fotos Silvia Tonon

Corpete em renda de fitas e transparência | Saia com diversas camadas de tule italiano exclusivo - DAPIEVE Atelier.

Corpete em renda e transparência, bordado com pérolas e cristais, saia fluída em musseline de seda exclusivo - DAPIEVE Atelier.

Jornal Design | Serra 49


Fotos Silvia Tonon

Madrinha | Corpete com leve transparência e bordado com pedrarias - LEG’S.

50 Jornal Design | Serra

estilo


Fotos Silvia Tonon

Em renda preta com forro nude - LEG’S.

estilo

Jornal Design | Serra 51


Casamentos por Renata Stabile

Fotos Renata Stabile

Carioca, geminiana, curiosa. Renata Stabile, que atuava como economista do mercado financeiro, ao planejar seu casamento viu que levava jeito e resolveu ser decoradora de pequenos eventos. E que bom que ela casou! Se apaixone pelas decorações encantadoras dessa carioca inquieta.

alfaiataria & festa

Jordana Valduga Atelier traz novos olhares para a moda sob medida em Bento Gonçalves, combinando o Fashion Design ao trabalho artesanal. Elegância com exclusividade e perfeição nos detalhes. Agende uma visita e conheça nosso trabalho. Parnaíba 790 . Bairro Planalto . Bento Gonçalves . RS jordanavalduga@hotmail.com 52 Jornal Design | Serra

estilo


Alida e Vinícus | Búzios

Fotos Renata Stabile

A noiva mais empolgada e detalhista que tive. Foi um casamento repleto de detalhes, desde o porta guardanapo até a cerveja artesanal feita pelo noivo. O conceito foi um romântico alegre e despojado, fugindo do tradicional romântico-pastel. A dupla “azul e branco” era o carro chefe da decoração, e estavam presentes principalmente nos móveis e nos tecidos. E o tom vivo e alegre veio com o laranja. Como a festa foi no jardim de uma casa, queríamos estender esse clima aconchegante com sofás no meio do jardim e arranjos minimalistas, alem de muitas velas, que deixam sempre o ambiente incrível. O meu xodó neste decor foi a pista de dança, inspirada em azulejos portugueses e que compôs perfeitamente com todo o conceito.

estilo

Jornal Design | Serra 53


Fotos Renata Stabile

54 Jornal Design | Serra

estilo


Fotos Renata Stabile

Roberta e Fábio | Búzios A fazenda por si só é linda, mas minha ideia era que ela fosse somente cenográfica e que todo casamento fosse no gramado, ao ar livre tendo aquele caminho de palmeiras como cenário para a cerimônia. O principal pedido da noiva era que fosse uma decoração aconchegante. A madeira já traz uma sensação acolhedora, e tem tudo a ver com casamentos ao ar livre. Para integrar um pouco mais, mesclei cadeiras, poltronas e bancos mais clássicos, além da utilização de barris como mesinhas-bistrô. O branco das cadeiras, poltronas e sofás criaram um contraste, clareando o ambiente, enquanto as cores mais vibrantes alegraram, trazendo também uma certa descontração. A ideia central foi um rústico chique, mas ao mesmo tempo despojado, sem muita formalidade, em linha com a personalidade dos noivos. A noiva gostava muito de roxo, então investimos bastante nesta cor e em suas tonalidades para os arranjos, enquanto os jogos americanos tinham um tom de azul mais forte. Dediquei uma atenção especial na decoração suspensa, que é sempre meu xodó, com orquídeas e samambaias, além de lustres, muitas velas e gaiolas com bem casados. O detalhe dos raminhos de semente de dracena nos guardanapos, a estante especial com mudas de suculenta e um cantinho com uma bicicleta cheia de sementes de dracena tornaram o cenário ainda mais encantador.

estilo

Jornal Design | Serra 55


Fotos Divulgação

Tortas e doces que parecem obras de arte, esse é o belíssimo trabalho do chef paulista Diego Lozano, que está entre os melhores cozinheiros patissiers do mundo. Para conhecer mais, acesse: www.diegolozano.com.br

56 Jornal Design | Serra

estilo


Foto Zéto Telöken

Este é o lugar que você deseja! Allegria Festas é um ambiente versátil para todos os tipos de eventos. Conta com uma equipe comprometida, que organiza e executa de acordo com as suas escolhas, sempre pensando no conforto e a segurança que você merece. “Venha ser criativo e fazer diferente, tornando sua festa um momento único. Aqui sua festa acontece”, garante a gerente do espaço, Daiana Agostini.

Foto Andréia D. Fotografia

Foto Zéto Telöken

Foto Zéto Telöken

Foto Andréia D. Fotografia

Rua 10 de novembro, 190 pav. 02 Cidade Alta | Fone: 54| 3702 0037 www.allegriafestas.com.br

estilo

Jornal Design | Serra 57


Porta Azul 31 anos, uma história de sucesso

Foto Silvia Tonon

Fotos Divulgação

Vai além da maneira de vestir, diz respeito à personalidade. Tem a ver com a maneira de perceber o mundo e de levar a vida com um jeito todo especial de ser.

58 Jornal Design | Serra

estilo


estilo

Inicialmente, muito pequena, a loja estava localizada na sala 207, no segundo andar da Galeria Zanoni, no centro da cidade de Bento Gonçalves. E mesmo com um espaço limitado, a procura já era grande. Desde o início já se percebia que ali, naquela proposta de loja, era possível ofertar moda customizada com o gosto particular de cada cliente. São Paulo e Rio de Janeiro eram as referências de tendências nos primeiros anos, já que marcas as cobiçadas estavam por lá: Maria Bonita, Mariazinha (hoje Mara Mac), Foly Doly (hoje Mary Zaide) e Cori. Depois surgiram as grandes confecções de Belo Horizonte, como Patachou e Alphorria, que faziam a diferença nos produtos da Porta Azul e conquistavam a preferência de novas clientes. Passados cinco anos, a loja transferiu-se para o térreo da mesma Galeria, numa área maior e mais aconchegante. Sempre com o foco em melhor atender sua clientela, foram sendo feitas muitas mudanças de ponto para diferentes espaços e ampliadas as presenças de marcas destacadas. Iódice, Alcaçuz, Cantão, Argentum e Marisa Ribeiro passaram a ser um objeto de desejo. Na virada do milênio, em meio a grandes expectativas de mudanças, surge o Shopping L’America, com ares de desenvolvimento para Bento. Como ficar de fora desta oportunidade quando a Porta Azul, com o desafio que se apresentava, poderia se transformar na loja mais bonita do Shopping? Foi assim que durante um tempo este

Foto Silvia Tonon

Foto Silvia Tonon Foto Silvia Tonon

Margarida e Inez Arioli, sogra e nora, tinham um desejo em comum: ter roupas de acordo com seus gostos e estilos. Margarida, com conhecimento em costura, acabamento e moldes da Revista Burda, confeccionava roupas desde modelos básicos até vestidos de debutantes e noivas. E Inez, vinda de Porto Alegre, adorava moda e roupas bacanas que começavam a aparecer em boutiques da capital. A vontade de trabalhar com roupas para mulheres atuais e versáteis estava no DNA de ambas. Assim, em 1983, surgia a Porta Azul, que neste ano comemora 31 anos de história em Bento Gonçalves. Hoje, cheia de atitude, versátil e madura, a Porta Azul continua com o mesmo desejo intenso de desenvolver moda de um jeito diferente, peculiar e intimista. Focar no cliente, decodificar seu estilo e pensar em peças que se relacionam com seu modo de ser é mais do que selecionar roupas e acessórios, é construir relacionamentos. espaço serviu de palco para encontros, palestras e desfiles temáticos. Porém, o sonho de sua criadora estava se distanciando daquela realidade. Na verdade, Inez sempre pensou em ter um espaço mais intimista, e até mesmo, fazer um retorno às suas origens, oferecendo um atendimento mais personalizado. E a solução surgiu naturalmente, transferindo a Porta Azul para parte de sua casa, na Rua Xingu. Em 2003, demonstrando coragem e ousadia, criava no Bairro São Bento um novo espaço de referência em moda e estilo. Nesse período surgiram novas grifes parceiras: Camila klein, Vero Senso, Vix, Margot, Coven, Sacada, F.Y.I., A.Brand, Maria Filó e Espaço Fashion. Confirmando sua visão para o futuro, o negócio se expandiu e foi preciso ocupar toda a casa da família Arioli. Sempre o destaque do negócio foi contar com uma equipe comprometida e com sensível domínio das características de suas clientes. Nice, Alda e Cris, que hoje, mais do que receber clientes, recebem amigas; Dilva sempre atenciosa cuidando do cafézinho e, recentemente, novos talentos como Camila - administrativa, e Emi - estudante de moda, compõem este time de sucesso. Desde as clientes antigas até as recentes e as que ainda estão por vir, todas são parte da vida da loja e a razão da incessante busca pela qualidade e diversidade. São 31 anos de vida da Porta Azul que consolidam relacionamentos e conquistas.

Jornal Design | Serra 59


Fotos Divulgação

Moda

Arte & por Gabriela Francio | Assessora de Moda

Todo profissional da área de criação, ao desenvolver algum produto ou projeto, recorre à uma inspiração, seja ela histórica, contemporânea, real ou imaginária. Na moda o mesmo acontece. Grande parte dos estilistas, atuais ou não, já se inspiraram em algum período da história da arte. Esta escolha deve-se ao motivo deste meio ser regado com cores, formas, percepções, opiniões e estilos. Um dos melhores exemplos para comprovar esta teoria é a coleção de inverno de 2011 da marca brasileira Neon, apresentada no São Paulo Fashion Week, inspirada em um período artístico conhecido como surrealismo, onde o principal desejo era esquecer o mundo real e atingir outra realidade, localizada no plano do subconsciente e do inconsciente. As obras expressavam sonhos e imaginação pura. O desfile foi separado em dois atos. No primeiro, a marca levou à passarela criações adoráveis em mãos que brincam com mãos, mangas que brincam com braços, luvas que brincam com dedos e pinturas que brincam com partes do corpo. Já no segundo ato, percebeu-se a presença de grafismos, sobreposições, estampas coloridas, bordados, aplicações e matérias-primas como a seda, cetim, tafetá, jérsei, couro, veludo e tricô. A coleção foi extremamente alegre e

60 Jornal Design | Serra

glamorosa, com a essência Neon. As peças foram marcantes, cheias de volume, com caftãs e boca marcada. Os looks do primeiro ato foram focados no preto, branco e vermelho – e também na mistura destas cores. Os estilistas apresentaram ainda bodys estampados, mini tomara-que-caia, e muitos vestidos longos. Na segunda parte do desfile, a palheta de cores se diferenciou e explodiram tons mais vibrantes, como amarelo, verde, azul, laranja e rosa. O bom humor presente na coleção também relembra o surrealismo, principalmente pela questão da fuga da realidade e da criação de um mundo imaginário, onde qualquer coisa é possível. Esta coleção da Neon é apenas um exemplo entre tantos que podem ser citados como referência para parceria entre moda e arte: impossível esquecer do famoso vestido Yves Saint Laurent inspirado na clássica obra de Mondrian, por exemplo, e da parceria entre a marca Luis Vuitton e o artista Stephen Sprouse, que tornou as bolsas grafitadas um desejo de consumo da maioria das mulheres do planeta. Os estilistas devem manifestar sua imaginação livremente, sem espírito crítico, mas sim, com o simples impulso psíquico, sem medo de errar, abusar ou ousar, afinal assim deve ser a arte e assim deve ser a moda.

estilo


Fotos Divulgação

Conforto, estilo e comportamento No mês de abril, a equipe da Vízia Óptica esteve visitando a maior feira ótica do Brasil: Expoabiótica, que ocorre nos pavilhões do Expocenter Norte, na cidade de São Paulo. Durante o evento foram apresentadas as tendências de moda outono/ inverno 2014: “Fazer seu estilo” e “Não ter medo de ousar” são as frases que resumem a moda para a próxima estação. Cores quentes e estampas animais marcam as peças de todas as grifes de óculos: vermelho, laranja, tigrado, oncinha, enfim, o que há de mais ousado e elegante na moda de vestuário aparece na linha de acessórios”, explica Cristiane Milani Marin, diretora de marketing da rede. Segundo Cristiane, uma dica infalível para fazer sucesso num look é conhecer-se, saber o que lhe agrada, aliado ao conforto físico.

estilo

“Nada mais sem estilo do que estar desconfortável em roupas finas e sapatos de grife, da mesma forma com os óculos, nada mais estranho do que ver um usuário de óculos de grau com uma peça inapropriada para o formato de seu rosto”, afirma Cristiane. Em estilo, o comportamento reside principalmente na valorização dos elementos físicos que a pessoa mais gosta e de acordo com sua personalidade. Por isso, no momento da escolha do óculos, que irá compor seu rosto, é necessário que o cliente exija uma consultoria a respeito dos modelos que lhe assentam melhor e, do mix de produtos oferecidos, opte pelo que mais se encaixar com seu estilo de ser. Dentro disso, a escolha de uma boa lente com tratamento antirreflexo transforma seu olhar sem esconder seus olhos ou maquiagem.

Jornal Design | Serra 61


Fotos Retru’s Ateliê Fotográfico

Nossas mães merecem nosso reconhecimento, sempre. Merecem porque são esplêndidas e, como camaleões, se adaptam e transformam no que for preciso quando o assunto é oferecer o melhor ao seu pequeno. Algumas mudam completamente suas vidas depois do nascimento dos filhos, adquirem novas habilidades e redescobrem-se na maternidade. E esse redescobrir inclui aceitar a plenitude e a complexidade da maternidade e conciliá-las com o dia a dia da mulher multitarefas. E, idenpendente da profis-

são de cada uma das mães, de repente descobrem-se também psicólogas, nutricionistas, administradoras, enfermeiras, enfim, grandes malabaristas. E por tantos motivos, elas merecem nossa homenagem, nossa reverência. Uma sessão fotográfica em família, mãe com filhos, marido e mulher é um presente inigualável, carregado de emoção e alegria, perfeito para coroar essas relações de amor e afeto que fazem a vida valer a pena. Agende seu horário pelo fone 54 | 3451.7132 ou pelo email: retratus@italnet.com.br

Feliz dia das Mães!

62 Jornal Design | Serra

estilo


Competência e paixão pelo ofício. É hora de celebrar! Esbanjando alegria de viver. Assim é o dia a dia de Simone Nicchetti, uma mulher de garra, competência e que encara os desafios da vida sempre com um belo sorriso no rosto.

capacitado. Além da alegria de viver e amor pelo seu ofício, Simone tem o suporte de Maria Eduarda Nicchetti, uma doce menina que cresceu vivendo intensamente sua profissão e hoje é uma jovem madura, que segue os passos da mãe, quando já formada em tricologia capilar, pela Schwarzkopf. O espaço ainda oferece depilação com diferentes métodos e produtos e embelezamento de unhas, através da profissional Lange Milani que, com seus 36 anos de experiência no segmento, sempre tem algo interessante para compartilhar. Mais importante do que comemorar uma data especial, é celebrar a vida, estar de bem consigo mesma, sentir-se especial, importante e linda. Portanto, junte-se ao time de mulheres valorizadas e faça parte da história do Centro de Beleza Simone Nicchetti.

Fotos Silvana Aibel

Formada pela Academia Pivot Point, em cortes de cabelos femininos e masculinos, Simone carrega consigo inúmeras certificações no segmento da beleza, entre elas, colorimetria pela Schwarzkopf e Gaboni, micropigmentação e designer de sobrancelhas pelo Estúdio da Sobrancelha by Fabiane Pinheiro, a queridinha das famosas. Há mais de 10 anos dedicando total atenção no embelezamento de tantas mulheres, chega o momento em que as clientes, que ela verdadeiramente conquistou, vibram com a mesma intensidade na comemoração do primeiro aniversário do Centro de Beleza Simone Nicchetti, no dia 14 de maio. Fruto de muito trabalho, o Centro de Beleza é conhecido pelo atendimento personalizado pela própria Simone, que aplica cuidados especiais em cada situação, afinal toda mulher que preza pela sua beleza, procura por um profissional

estilo

Jornal Design | Serra 63


Personal Chef: Fotos Arquivo Pessoal

Praticidade e sabor especial em sua casa

Molho Ragú (Carne de Panela desfiada ao Sugo)

Cupcakes

Sopa Creme de Espinafre e Calzone de Calabresa ao Sugo

O Armazém das Conservas, além de uma grande variedade de produtos, possui um grande diferencial: o Personal Chef, que compreende dois segmentos distintos, sendo denominados Personal Chef Eventos, onde é possível contratar o chef de cozinha Lorenzo Cavallet e sua equipe para a realização do seu evento. E o Personal Chef Congelados e Pizzas, uma linha exclusiva de pratos prontos congelados. Ao contratar os serviços do Personal Chef Eventos, o cliente desfruta de um serviço especializado e único, onde o chef Lorenzo sugere o cardápio e a equipe vai até sua casa ou a qualquer outro lugar escolhido para a realização do seu evento particular, não havendo restrição quanto ao número de convidados. Ainda é possível encomendar para datas especiais os nossos Cupcakes, delicadamente elaborados pela chef Luana

64 Jornal Design | Serra

Cavallet. Os congelados do Personal Chef são elaborados a partir das técnicas culinárias clássicas, sem qualquer adição de conservantes. A intenção é produzir um alimento elaborado, sem perder o gostinho da comida feita em casa, que sejam práticos para a correria do dia a dia e ainda sim, saudáveis e saborosos. O cardápio é variado, composto por diferentes tipos de molhos onde é possível elaborar risotos ou massas. Pratos prontos, como lasanhas, filés, bacalhau e entre outros. Para o inverno, no cardápio sazonal já estão disponíveis as sopas cremes, além das pizzas e calzones elaborados artesalmente e oferecidos praticamente todos os dias no Armazém das Conservas. O cardápio completo está disponível no site, acesse: www.armazemdasconservas.com.br

Finger Food em Evento

estilo


Fotos Silvia Perusso

A Pórtico Ambientes Corporativos comemorou seus 15 anos em grande estilo. Uma elegante recepção na Lovara reuniu autoridades, clientes, fornecedores e amigos, que foram acolhidos pela equipe da Pórtico com a simplicidade, simpatia e competência de sempre. A diretora Daiane da Silva agradeceu comprometida equipe e destacou o atendimento realizado pela empresa: “Oferecemos as melhores soluções em móveis para escritório. A empresa tem como sinônimo a busca constante pela excelência através de seus produtos e serviços oferecidos por uma equipe capacitada e comprometida com a satisfação de seus clientes”. O fundador da empresa Luis Carlos Vieira da Silva recebeu uma bela homenagem, através do gerente comercial Eduardo Benvenutti e recebeu o carinho dos convidados.

Equipe da Pórtico Eduardo Benvenutti , Cristiane Basso, Edilaine Vitorassi, Daiane da Silva e Luiz Carlos Vieira da Silva

Daiane da Silva, Jauri Peixoto, Luiz Carlos da Silva, Flávio Lazzarotto, Alessandro Cavagnolli e o prefeito em exercício Mário Gabardo

Elton Giacomello, Daniel Amadio, Daiane da Silvia, Lourdes e Nilson Cavalet e Valério Pompermayer

Ana Paula e Flávio Lazzarotto com a pequena Isabella

Lourdes e Valdir Menegat com Daiane da Silva

Daiane Torretti, André Giovanaz e Eduardo Bevenutti

Cristiane Basso, Fernanda Sasso, Melissa Basso e Sabrina Cardoso Foto Andréia D. Fotografia

Edilaine Vitorassi, Daiane da Silvia, Delsiras e Vanildo Lazarotto

estilo

Ambiente aconchegante para recepção dos convidados

Jornal Design | Serra 65


Foto Andréia D. Fotografia Fotos Silvia Perusso

Sandra e César Dendena

Vinicius e Kellen Caprara, Matheus Da Rold, Anderson Andrade e Jonatan Rigotti

Eduardo Benvenutti homenageando o fundador da Pórtico Luiz Carlos

Valdecira Pegoraro, Daiane da Silvia e Marisa Benvenutti

Rômulo de Freitas, Luiz Carlos, Ivane Favero e Daiane da Silva

Eduardo Benvenutti, Marli e Vicente Miranda com Daiane da Silva

Janete Lopes, Daiane da Silvia e Cintia Guerra Pagot

Daiane da Silva, Roberta Busetti e Eduardo Benvenutti

Claudio Piovesana, Roseli Casali, Eduardo Benvenutti, Rosane Custódio, Lady Laura Batistello

Rosane e Gilmar Zanin e Elizandro Carrer, Eduardo Benvenutti e Daiane da Silva

66 Jornal Design | Serra

Cleiton Pegoraro e Daiane da Silva

estilo


Social

Diretoria Expobento em evento que apresentou os shows da 24ª edição da feira, que acontece de 05 a 15 de junho

Delmar Tesser, Paula Araujo e Mônica Tesser

Indionara Merlo e Paula Larentis, recepcionadas por Carla e Paula, na Maria Fulana

Foto Evandro Demari

Foto Evandro Demari

Valéria Cini, Gabriela Dal Sasso, Isabella Longo e Isadora Dal Sasso de Oliveira no espaço Maria Funala

Carla Brum Lopes e Lorena Pizzatto

O escritor e advogado bento-gonçalvense Cleber Dalla Colletta autografando sua primeira obra em coquetel de lançamento na Fundação Casa das Artes

estilo

A presidente da Associação Refletindo o Direito, Camila Paese Fedrigo, fala das atividades da associação na cerimônia de lançamento do livro do Dr. Cleber

O Rotary Club Mulheres da Serra realizará no dia 18 a 4ª edição do Galetaço Beneficente, no CTG Laço Velho

Jornal Design | Serra 67


Jornal Design | Edição 36  
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you