Page 1

DESTAQUE

Bom Despacho (MG), 6 a 12 Agosto 2017

Ano XXIX - Nº 1.474 • Fundado em 12/05/1989

1

Bom Despacho (MG), 6 a 12 Agosto 2017 • GRÁTIS 1 EXEMPLAR

Vestibular de Odonto atraiu candidatos de 31 cidades (Pág. 3) Vereadores Jovens foram conhecer a Assembleia Legislativa (Pág.

5)

Entrevista exclusiva: Padre Douglas Xavier

Padre Douglas: jovens precisam buscar sentido para a vida Página 11 BARCO – Vendo, c/ motor e carretinha – 98855.1644 BARRACÃO – Alugo – Rua Nicomedes Campos – Santa Ângela – 99945.3971 BARRACÃO – Vendo – Santa Ângela – 99983.9573

APARTAMENTO – Alugo, no Jardim Anjos, 2qt, 1bh, sl, cp, cz, gar, portão elet. – 99985.0251 e 98852.4678

Mais uma ótima notícia para os associados do Sindicato Rural

O presidente Patrick Brauner e o tesoureiro Célio Moreira assinam contrato com a Unimed

O Sindicato Rural de Bom Despacho fechou contrato com a Unimed Divinópolis. Excelente oportunidade para todos os associados e seus dependentes aderirem a um Plano de Assistência à Saúde Coletivo por Adesão com preço empresarial.

Informações: 3521-2622 com Breno Orleans Rua Dr. Cisalpino Marques Gontijo, 335 - Parque de Exposições Bom Despacho - De 8 às 11 e de 13 às 17 horas

Leia mais notícias no site www.IBOM.com.br

APARTAMENTO – Alugo – 99116.8080 APARTAMENTO – Alugo, no centro – 98803.2113 APARTAMENTO – Vendo – Esplanada – 99957.9754 APARTAMENTO – Vendo, B. Coração Eucarístico, em BH, 3qt, st, sl, 2gar – Meire Martins - 99836-4180 e (31) 99689.6621 APARTAMENTO – Vendo, em BH – 99198.6116

BICICLETA – Vendo – 99992.5550 BOTIJÃO – Vendo, de gás, vazio – 99954.1281 CADEIRA – Vendo, p/ escritório – 3522.6347 Continua na página 2


2

Bom Despacho (MG), 6 a 12 Agosto 2017

Rua Vigário Nicolau, 297 • Centro • Bom Despacho 3522.4714 - 3427.1909 (Vivo Fixo) 99194.2043 - 99137.2540 www.sergiocalaisimoveis.com • sergiocalais@hotmail.com.br Continuação da página 1

CADEIRA – Vendo, p/ escritório – 98823.9990 CAMAS – Vendo, duas, solteiro – 99949.7037 CAMPAINHA – Vendo, Tímpano, 6’ – R$ 80, 99103.9396 e 99870.9396 CAPA DE CHUVA – Vendo, p/ motoqueiro – 99962.5479 CASA – Vendo, no Jaraguá, 3qt, st, aquecedor solar, piso porcelanato, box – 99902.9371 CASA – Alugo – 99951.5145 CASA – Alugo – Ana Lúcia – 99985.9899 CASA – Alugo – Av. Palmeiras, 474 – 99818.0207 CASA – Alugo – Rosário II – 99805.5344 CASA – Alugo – Rua Araçuaí – 99919.8306 CASA – Alugo – Rua Juca Rufino, 425 – 98824.7333 CASA – Alugo – Rua São Pedro, 58 – Santa Ângela – 99954.1282 CASA – Alugo, 3qt, sl, cz, bh, no Novo São Vicente – 99863.6780 CASA – Alugo, no centro – 99817.1025 CASA – Alugo, no Conj. Pedro Tavares Gontijo – 99921.1729 e 99955.1567 CASA – Vendo – Esplanada – 98855.1644 CASA – Vendo – Jaraguá – 98832.0753 CASA – Vendo – Jardim Anjos – 98808.1372 CASA – Vendo – Rua Dr. Nicolau Leite, 263 – Babilônia – 99997.0792 CASA – Vendo – Rua Lauro Couto, 391 – R$ 90.000 – 99199.7888 CASA – Vendo, em BH. Troco por outra em BD – (31) 99948.4270 CASA – Vendo ou troco por apartamento – 98819.3184 CASA – Vendo, nova, 3qt, sl, cz, 2bh, gar, no São Joaquim – R$ 105 mil - Aceito troca – 99989.2701 CASINHA – Vendo, p/ cachorro pequeno porte – 99986.1409 CHÁCARA – Vendo ou troco por casa – 3522.1373 CHÁCARA – Vendo, 2.400m, no Cond. Recanto da Cascata – Antônio Nogueira – 99831.1862 CHÁCARA – Vendo, 3.000m, no Pica pau. Aceito carro e moto – 99191.7783 CHÁCARA – Vendo, com casa – 99907.7459 COLCHONETE – Vendo, ortopédica – 99992.5550 COROLA – Vendo – 98855.3060 COTA – Vendo, na Praça de Esportes – 98808.2215 ESTUFA – Vendo, p/ salgados – 98844.7438 FIESTA – Vendo, 1.0, flex,

WhatsApp (37) 98843-7399 Profissionalismo e Credibilidade para Você e Sua Família

IMÓVEIS à VENDA

- Excelentes apartamentos de 4 quartos (2 suítes), 3 vagas, no Centro - Apartamentos de 2, 3, 4 quartos e cobertura na região central - Apartamento de 4 quartos na Rua Dr. Miguel Gontijo - OPORTUNIDADE PARA INVESTIR: APARTAMENTOS NA PLANTA EM EXCELENTE LOCALIZAÇÃO! - Casas de 2 e 3 qtos, garagem, nos bairros São José, Jd. América, Calais, Belvedere, Babilônia, Novo São José, São Vicente, Rosário, Jaraguá, JK, Novo D. Joaquim, Novo São Vicente, Vila Gontijo e Esplanada - Casa de 3 quartos, c/ hidromassagem e área gourmet na cidade de Moema - Casa de 4 quartos, área externa, excelente localização - Casas no Programa Minha Casa Minha Vida nos bairros Novo São Vicente, Babilônia e Dom Joaquim - Clínica Médica ou Odontológica de 4 consultórios - Excelentes casas no Bairro São José - Área comercial de 2.688 m² no seguimento da Rua do Rosário - Lotes nos bairros Calais, Jardim dos Anjos, São José, Jardim América, Novo Dom Joaquim, JK, Santa Marta, Novo São Vicente, Belvedere, Santa Lúcia e São Lucas - Lotes no Bairro Novo São Vicente financiados em até 120 meses - Lotes no Bairro Dom Rafael financiados em até 108 meses - Excelentes lotes no Bairro Jardins dos Ipês - Excelentes lotes de 360 m² nos bairros São José e Calais em até 48 meses para pagar, financiamento próprio ou através de instituição financeira - Chácaras: Condomínios Laranjeiras, Pica pau, Alphaville, Santa Cecília, Taboão, Bairro Nª Srª Aparecida e às margens do Rio São Francisco - Fazenda de 48 hectares a 20 km de Bom Despacho (região do Mato Seco) - Fazenda de 30 hectares a 18 km do trevo de Bom Despacho - Fazenda de 32 hectares a 9 km de Bom Despacho - Sítio de 5.700 m² às margens do Rio São Francisco

DESTAQUE

Ozanan – R$ 85 mil - (31) 99885.1807 MÁQUINA – Vendo, de costura, antiga – 99954.1282 MESA – Vendo, de sucupira c/ 6 cadeiras – 99954.1281 MOTO – Vendo, CG 125 – 99123.2914 MOTO – Vendo, CG 125 – 99949.7037 MOTO – Vendo, Fan – 99918.7840 PIA – Vendo, c/ bancada – 99829.2187 RODAS – Vendo, aro 14 – 3427.3242 SANFONA – Vendo, 120

IMÓVEIS para LOCAÇÃO

- Excelente área no Bairro São José de 13.000 m² em ótima localização - Apartamentos de 3 quartos no Centro - Excelente apartamento de 4 quartos na Rua Dr. José Gonçalves - Casa de 1 quarto no Bairro São Vicente e no Centro - Casa de 2 quartos nos bairros Santa Ângela e Santa Marta - Casa de 3 quartos no Jd. Anjos, Calais, Rosário, Babilônia e São José - Clínica Médica e/ou Odontológica de 4 consultórios - Excelente loja de 520 m² na Praça da Matriz - Imóvel comercial com sala, cozinha e banheiro no Bairro São José - Lotes de 350 m² no Bairro São José - Sala comercial com jardim e banheiro na Rua Lambari - Centro - Salas comerciais na Rua Dr. Miguel Gontijo, 2º pavimento, c/ elevador - Salas comerciais na região Central e no Santa Ângela - Sala comercial no São Vicente, área de aproximadamente 200 m² - Sala de 250 m² na Rua da Olaria

VENDO CASA 4qt, 3wc, sauna, piscina, lote 988m2 - Rua Cap. Jaime Gotelip, 131 Vila Aurora - R$ 380 mil

Beto 99921-4917

VENDO ÁREA 1.080m2, na Avenida Brasil, Jd. América R$ 150 mil

Beto 99921-4917

2007 – 99128.0056 FUNDO BAR – Vendo – 99924.6656 FUSCA – Vendo, ano 79 – 99805.1435 LOTE – Vendo – Bairro de Fátima – 98806.3494 LOTE – Vendo – Chácara da Prata – 99129.8605 LOTE – Vendo – Monte Castelo – 98808.1372 LOTE – Vendo – Rua Santa Clara – 99956.3764 LOTE – Vendo, 360m, rua Gustavo Capanema – São José – 99985.0088 LOTE – Vendo, 360m, no

baixos – 99946.4590 STRADA – Vendo, 2013, cab. dupla, completa – Sebastião 99909.8027 ESCORT – Vendo ou troco por moto – 99946.6070 TANQUE – Vendo, de 2 bojos

– R$ 100,00 – 99110.0362 TELEVISOR – Vendo, 29’ – 99955.1567 TERRENO - Vendo – (31) 99550.2652 TERRENO – Vendo ou troco, as margens do Rio São

Francisco – 99907.0707 TIPO – Vendo, ano 95 – 99805.1435 TV – Vendo, 14´, Gradiente – 99963.9292 X BOX – Vendo, c/ jogos – 99907.0707


DESTAQUE

PM encontra carro roubado e troca tiro com menor infrator Um Chevrolet Vectra 2009 foi roubado terça-feira, dia 1º, no bairro Jardim dos Anjos. Segundo informações da Polícia Militar, dois jovens – um deles armado – anunciaram o assalto e levaram o carro, um celular e 50 reais em dinheiro da vítima. A PM foi acionada e iniciou rastreamento pela cidade para encontrar o veículo e os responsáveis. Durante as buscas, uma guarnição deparou-se com o Vectra na estrada de acesso à Passagem. Dois menores estavam do lado de fora do carro. Ao verem a Polícia os suspeitos abandonaram o Vectra e correram para um pasto. Durante a perseguição um dos menores foi reconhecido pelos militares. Ele estava armado e chegou a trocar tiros com os policiais. Os fugitivos atravessaram uma grota, pularam cercas, entraram numa mata e escaparam. Depois disso os policiais entraram em contato com a avó do menor que foi

reconhecido. Ela confirmou que o neto havia saído de casa bem cedo e não havia retornado. Através de fotos mostradas pelos militares a vítima reconheceu um dos menores envolvidos no crime, confirmando ser o mesmo menor infrator identificado pela Polícia. O Vectra foi removido para o pátio credenciado e os suspeitos estão sendo procurados pela Polícia. Roubo a transeunte Também no Jardim dos Anjos, na noite de segundafeira, um casal de moto abordou um transeunte e roubou seu celular. A vítima, de 20 anos, disse à PM que foi abordada pelo casal que chegou numa moto pequena e escura. A mulher que estava na garupa – usando blusa rosa e capacete preto - desceu com uma faca na mão e exigiu que a vítima entregasse seu celular Iphone 6S. Em seguida o casal fugiu do local na moto. (Fonte: PMMG)

Ladrões levam picape deixada no quintal com chave na ignição Uma picape Montana foi furtada na noite de quarta (2/8) de dentro do quintal da casa do proprietário, na rua Bolívia, bairro Jardim América. Segundo a ocorrência, por volta de 22h30 a esposa do proprietário ouviu barulhos vindos de fora da casa, chegou na janela e viu pessoas não identificadas fugindo no veículo. O proprietário, de

58 anos, contou à Polícia que tinha deixado o portão do quintal destrancado e a chave na ignição da picape, o que facilitou o furto. Ele também indicou aos policiais o nome de um suspeito, morador do bairro São Vicente, que já foi seu funcionário e esteve mais cedo na sua residência. A Polícia investiga o caso. (Informações: PMMG)

Lavajato MultiCar

Lavação, Geral, Enceramento e Polimento

Carros - Motos - Caminhões Preços a partir de R$ 35,

99872-4503 Av. Dr. Roberto, 291 - Ao lado da Cadeia

Segunda a Sábado de 8 às 18 horas

Bom Despacho (MG), 6 a 12 Agosto 2017

3

Ação da PM abordou pessoas e veículos no centro da cidade A Polícia Militar desencadeou na tarde de terça (1º/8) uma operação de combate à criminalidade em Bom Despacho. Com 12 homens, duas viaturas e quatro motocicletas empenhados na operação, os militares fiscalizavam e abordavam veículos e pedestres na rua Dr. Miguel, próximo à Praça Inconfidência, centro da cidade. O objetivo foi encontrar armas, drogas e outros objetos ilícitos, bem como identificar suspeitos e fiscalizar veículos em situação irregular para prevenir a prática de crimes. A Assessoria de Comunicação do 7º

Batalhão destacou que “o policiamento ostensivo é um serviço de segurança pública indispensável e

desempenha papel de importância na consecução dos objetivos da Polícia Militar de servir

e proteger a sociedade”. A PM não informou os resultados da operação. (Fonte: PMMG)

Vestibular de Odontologia atraiu candidatos de 31 cidades da região Mais de 160 candidatos, de 31 cidades da região, fizeram o primeiro vestibular do curso de Odontologia da Una Bom Despacho, dia 29/7. O candidato que veio de mais longe é de Patrocínio, cidade na região do Alto Paranaíba, a quase 300 km de distância. De Bom Despacho foram 58 inscritos, o que representa 35% do total. Segundo a Una, interessados em ingressar no curso de Odontologia que não fizeram a prova dia 29/7 ainda podem inscrever-se através de vestibulares agendados até que todas as vagas sejam preenchidas. Basta acessar o link una.br/ provas. As aulas começam dia 10 de agosto. Estrutura O curso de Odontologia da Una Bom Despacho tem cinco anos de duração. Sua infraestru-

Marcelo Chaves: objetivo é atender demanda da região

tura inclui nove laboratórios, com seis específicos da área da saúde, e três laboratórios de habilidades odontológicas. Além destes, o curso ainda contará com dois laboratórios de

Ítalo Milo: talento e amor pelo futebol

informática. A Una também firmou mais de 90 convênios com a s s o c i a ç õ e s , cooperativas, prefeituras e empresas da região para oferecer estágio obrigatório aos

estudantes. “Nosso objetivo é oferecer um curso moderno e que atenda à demanda da região”, diz o diretor Marcelo Chaves. Mais informações no telefone 3521-9550.

Bom Despacho, terra da Literatura PÁGINA 10

PÁGINA 8

Leia mais notícias no site www.BomDespacho.com.br


4

Bom Despacho (MG), 6 a 12 Agosto 2017

DESTAQUE

O selo por tanto tempo esquecido no caderno DENISE COIMBRA Denise Coimbra é psicóloga e escritora

No primeiro dia de agosto, no centro da cidade, encontrei-me com a mãe de um amigo. Assim que me aproximei ela perguntou: - Que história é essa da mulher de cabelos cor de fogo que li no jornal? - Nunca ouvi falar nesta história aqui na região. Você inventou, né? Antes que eu lhe perguntasse se ela acreditava em todas as histórias que ouvia ou lia, ela estendeu-me o braço e pediu-me que a acompanhasse até o supermercado. Enquanto caminhávamos ela contoume a seguinte história: "- Quando minha mãe era menina, ela freqüentava a escola de D. Maria Guerra no Engenho do Ribeiro para ser alfabetizada. Um dia, logo após a aula, minha mãe percebeu um selo em cima da mesa e apaixonouse por aquele pedacinho de papel. Num gesto rápido e impensado, ela guardou o selo dentro do caderno e foi embora. Naquele dia, a

minha avó adoecera e o meu avô, desesperado, foi embora com a família, em busca de cuidados médicos. Minha mãe nunca mais voltou naquela escola. Entretanto, ela era muito inteligente e curiosa e queria aprender a ler o mundo. Queria também ser professora, como D. Maria Guerra que lutou para ensinar sem preconceito e com muita dedicação a todos que a procuravam. Anos mais tarde, minha mãe voltou a estudar e formou-se professora. Numa viagem a Paris, ao

visitar o Museu do Louvre, ela deparou-se com uma peça de argila, conhecida, como tábula. Foi a primeira carta escrita no mundo, datada do Século XVIII a. C. Ao ver aquela peça, uma lembrança antiga veio à tona: o selo que havia guardado no velho caderno da sua infância. Por tanto tempo esquecido e tão distante. Desde então, tornou-se filatelista e descobriu que o primeiro selo do mundo foi emitido pela Inglaterra em 1840, embora haja controvérsia. Os italianos afirmam já utilizarem cartas

seladas bem antes. No Brasil, o selo passou a ser utilizado no dia primeiro de agosto de 1843. Ela aprendera também que os primeiros selos foram denominados Olhos de Boi pela semelhança com os olhos do animal. Atualmente cobiçados no mundo inteiro. Soube nesse dia que o selo em seu caderno era um desses. Raro e valiosíssimo. Não ficou alegre por isso. Ele fora roubado da casa da melhor professora que ela conhecera em toda a sua vida. Incansável, D. Maria Guerra, educava com firmeza e muita a m o r o s i d a d e , principalmente aqueles que tinham mais dificuldade no aprendizado. Minha mãe nunca havia contado sobre o roubo para ninguém. Entretanto, pouco antes de morrer ela contou-me essa história. Disse-me também que aquele selo era um símbolo, uma espécie de passaporte que lhe dera acesso ao mundo. Do conhecimento, da historia, do ensino e aprendizagem. Mais do que isso, aquele pedacinho de papel representava uma lembrança de que aquela

senhora tão generosa oferecera a ela o selo precioso da cidadania: a sua alfabetização. E, por meio dela, a sua futura libertação e independência. No início do século XX, no Vale do Picão, tal fato era uma preciosidade." Ao chegarmos à porta do supermercado, emocionada, eu a interrompi e disse-lhe que o Geraldinho do Engenho publicou, recentemente, o livro Semente Centenária sobre os cem anos da Escola Maria Guerra e outras lindas histórias. Contei-lhe também que minha mãe, tal e qual a dela, fora alfabetizada pela Professora Maria Guerra. Despedimos-nos alegremente. Ao chegar em casa contei para minha mãe

a inusitada história que eu acabara de conhecer. Imediatamente, ela abriu uma caixa e entregou-me um papel velho, amarelado. Espantada reconheci o destinatário! Irrequieta, comecei a ler a carta... Nota: Este texto é uma homenagem ao dia do selo postal brasileiro comemorado no dia 1º de agosto.

Publicado por Imagem Editora Ltda. jornal@joneg.com.br 35600-000 - Bom Despacho - MG É proibida a reprodução total ou parcial, em qualquer meio de comunicação, dos textos e anúncios produzidos pelo Jornal de Negócios - A publicação não autorizada por escrito sujeita o(s) infrator(es) às penalidades legais - Editora: Beatriz C. Gontijio – Diretor: Alexandre Júnior - Publicação semanal – Tiragem: 6.500 exemplares – Impresso na Sempre Editora / BH – Editoração e Arte: Jornal de Negócios – Opiniões emitidas em artigos assinados não representam a opinião do Jornal de Negócios, sendo responsabilidade exclusiva do autor – Distribuição livre em Bom Despacho, Araújos e Engenho do Ribeiro e dirigida em Martinho Campos, Moema, Luz, Pompéu, Abaeté e Nova Serrana - Este exemplar é propriedade do Editor, que autoriza a entrega sem ônus de uma cópia por pessoa


DESTAQUE

Bom Despacho (MG), 6 a 12 Agosto 2017

5

Vereadores Jovens de Bom Despacho foram conhecer a Assembleia Legislativa de Minas

Comitiva formada por 23 estudantes do Ensino Médio em Bom Despacho foram conhecer a Assembleia Legislativa de Minas Gerais dia 4/8. Na comitiva estavam os nove vereadores jovens da Câmara Municipal de Bom Despacho, acompanhados dos seus respectivos suplentes. Participaram também da comitiva a coordenadora do programa Câmara Jovem, Valéria Teixeira, e o diretor geral da Câmara Municipal Bruno Luiz dos

Santos Carmo. A comitiva foi recebida na Assembleia pelo deputado Antônio Carlos Arantes, que mostrou aos visitantes o trabalho do Legislativo Estadual. Arantes incentivou os jovens a acreditarem e atuarem na política. “Se os bons não ocuparem espaço, os maus ocuparão”, afirmou o deputado. O vereador jovem Wesley Jhonny Vieira Pacheco falou em nome dos estudantes. “Suas palavras

demonstram compromisso e preocupação da nova geração com a política brasileira”, ressaltou Arantes. Participação na política A Câmara Jovem, composta de nove estudantes titulares e nove suplentes, foi criada em Bom Despacho com o objetivo de estimular o interesse e a participação dos jovens na discussão dos problemas sociais e na administração do município.


6

Bom Despacho (MG), 6 a 12 Agosto 2017

DESTAQUE

Voluntários mudam as praças da cidade FERNANDO CABRAL Fernando Cabral é advogado, auditor federal e prefeito de BD

Um grupo de 200 ou 300 voluntários e voluntárias está mudando a cara das praças e rotatórias de BD. O objetivo dessas pessoas desprendidas é não apenas plantar árvores e plantas ornamentais nas praças e rotatórias, mas também criar parquinhos para as crianças e jovens. A prefeitura apoio o trabalho e também instala academias ao ar livre nas praças rejuvenescidas. Já são várias praças e rotatórias recuperadas, arborizadas e colocadas à disposição da população. Entre elas, JK, Babilônia, Jaraguá, Irmã Maria. Na foto ilustrativa, a prefeitura prepara o meio-fio da Praça Germânia, no São Vicente. Depois de a prefeitura colocar o meio fio, limpar e colocar terra nova, os voluntários chegam, plantam árvores, flores, grama. Depois, colocam balanços. O trabalho destes voluntários vem mudando a aparência e o uso das praças de Bom Despacho. Um trabalho bonito e elogiável.

Prefeitura asfalta trecho Santa Casa da Avenida Doutor Roberto avalia 400 e opera 162

Na primeira fase do PROCIR a Santa Casa já avaliou 400 pacientes e aperou 162. A expectativa é que todos os pacientes de Bom Despacho que aguardam cirurgias eletivas sejam operados até outubro. No início deste ano a Prefeitura criou o PROCIR – Programa de Cirurgias Sem Fila. Seu objetivo é acabar com todas as filas de cirurgia em nosso município. Para isto, contratou a Santa Casa para realizar todas as operações que possam ser feitas aqui. Conforme mostra o quadro ao lado, esta parceria tem Especialidade

Começou semana passada o trabalho de asfaltamento da Av. Dr. Roberto. Nesta primeira fase está sendo feita a drenagem profunda. Este serviço é muito im-

portante, pois é ele que garante a vida longa do asfalto. Sem drenagem o serviço fica mais barato e aparece logo. No entanto, não dura muito.

Neste momento outras 20 ruas de Bom Despacho estão sendo pavimentadas ou serão pavimentadas nas próximas semanas. Na Dr. Roberto, além

da drenagem e do asfalto, a avenida ganhará também passeio, árvores e gramados A prefeitura esperar terminar o serviço nos próximos 30 dias.

Realiz.

dado resultado. Até o momento, 400 pacientes já foram avaliados, 164 foram operados, 96 estão com cirurgia agendada. Dos 400 pacientes avaliados, 73 não têm recomendação de cirurgia. O dinheiro para pagar as cirurgias vem principalmente do IPTU de 2017. Por isto a prefeitura tem sempre pedido a todos os contribuintes que paguem em dia. Quem tiver dificuldade para pagar pode procurar a prefeitura e parcelar o que deve. Agend. Não Recomend. Não compareceu.

Avaliação ................. 400 Geral .......................... 13 .................. 2 ............... 5 Ginecologia ................ 17 ................ 18 ............. 15 Mastologia ...................................... 12 Oftalmologia ............. 105 ................................... 20 Ortopedia ..................... 7 ................ 16 ............. 11 Otorrino ........................ 4 ................ 39 ............. 14 Plástica ........................ 4 .................. 5 ............... 1 Urologia ............................................. 3 ............... 3 Vascular .................... 14 .................. 1 ............... 4 Totais ...................... 564 ................ 96 ............. 73


DESTAQUE

1473gatinha-fernanda-5-anos-pais-ana fabricio-foto-132.jpg 7

Bom Despacho (MG), 6 a 12 Agosto 2017

Gatinho da Semana

Mateus, 10 anos Pais: Tatiane e Rivaldo

Ângela Lobato faz aniversário no dia 7 de agosto

Anna Luisa Nascimento Campos fez aniversário dia 3/8

Célia Seabra faz aniversário domingo, 6 de agosto

Cida Oliveira fez aniversário no dia 29 de julho

Djalma Máximo Pontes faz aniversário dia 9 de agosto

3522.2692

Moda Bebê Moda Infantil Calçados e Brinquedos Elder Silva faz aniversário domingo, 6 de agosto

Elker Silva faz aniversário domingo, 6 de agosto

Iara Faria faz aniversário domingo, 6 de agosto

Ieda Pontes faz aniversário no dia 7 de agosto

Igor Gabriel Couto faz aniversário domingo, 6 de agosto

Irene fez aniversário no último dia 3 de agosto

José Geraldo de Paulo faz aniversário domingo, 6 de agosto

Lorena Oliveira faz aniversário domingo, 6 de agosto

Márcia Aparecida faz aniversário no dia 7 de agosto

Melina Camilo faz aniversário no dia 7 de agosto

Milene Cardoso faz aniversário domingo, 6 de agosto

Nayara Muriel faz aniversário no dia 7 de agosto

Paula Carolina Couto faz aniversário domingo, 6 de agosto

Envie foto com nome completo e data de nascimento para biacabralg@gmail.com

EDITAL DE CONVOCAÇÃO ASSEMBLEIA GERAL EXTRAORDINÁRIA COOPERATIVA DE CRÉDITO DE LIVRE ADMISSÃO UNIÃO DO CENTRO OESTE DE MINAS LTDA- SICOOB CREDESP - CNPJ 01.703.620/0001-50 - NIRE 3140002045-4

O Presidente do Conselho de Administração da COOPERATIVA DE CRÉDITO DE LIVRE ADMISSÃO UNIÃO DO CENTRO OESTE DE MINAS LTDA. – SICOOB CREDESP, no uso das atribuições legais e estatutárias convoca os associados desta cooperativa em número de 9.210 (nove mil duzentos e dez cooperados) em pleno gozo de seus direitos sociais, para a ASSEMBLEIA GERAL EXTRAORDINÁRIA a se realizar no dia 30/08/2017 em sua sede localizada à rua Faustino Teixeira, 60, Centro, Bom Despacho, Estado de Minas Gerais em primeira convocação às 18:00 (dezoito) horas, com a presença de 2/ 3 (dois terços) do número total de associados; Caso não haja número legal para instalação ficam desde já convocados para segunda convocação às 19:00 (dezenove) horas, no mesmo dia e local com a presença de metade mais 1 (um) do número total de associados. Persistindo a falta de “quorum legal”, a Assembleia realizar-se-á, no mesmo dia e local, em terceira e última convocação às 20:00 (vinte) horas, com a presença de no mínimo 10 (dez) associados, para deliberarem sobre a seguinte ordem do dia: a) Pauta da Assembleia Geral Extraordinária: 1. Alterar o Estatuto Social dos artigos 1º ao 110. 2. Aprovar a Política de Sucessão dos Administradores do SICOOB. 3. Outros assuntos de interesse geral sem caráter deliberativo. Bom Despacho, (MG), 04 de agosto de 2017.

Márcio Antônio Laine Presidente do Conselho de Administração SICOOB Credesp – COOPERATIVA DE CRÉDITO DE LIVRE ADMISSÃO DO CENTRO OESTE DE MINAS LTDA – CNPJ 01.703.620/0001-50 SEDE – Rua Faustino Teixeira, 60 – Centro – 35600-000 – Bom Despacho-MG Tel: (37) 3522.1166 – Fax (37) 3522.1166 – www.sicoobcredesp.com.br – sicoobcredesp@sicoobcredesp.com.br

Sesc exibe dia 9 em Bom Despacho o filme “Branco sai, preto fica” Na próxima quarta-feira, 9/ 8, o Cine Sesc apresenta em Bom Despacho o filme “Branco Sai, Preto Fica”. Ele faz parte da programação de agosto do Cine Sesc, que vai exibir exclusivamente produções nacionais que tratam de repressão e violência no país. Dirigido por Ardiley Queirós, “Branco Sai, Preto Fica” é definido pela Folha de São Paulo como “ficção científica, política e apocalíptica”, que discute as disparidades de uma sociedade conservadora, repressiva e violenta. A estória começa quando dois homens são feridos a tiros num baile de black music na periferia de Brasília. Eles ficam marcados para sempre com o episódio. Um terceiro personagem vem do futuro

para investigar o acontecido e provar que a culpa é da sociedade repressiva. O filme, que tem classificação 12 anos, será exibido no Sesc Bom Despacho a partir das 19 horas, com entrada franca. Informações no telefone 3521-9450.


8

Bom Despacho (MG), 6 a 12 Agosto 2017

DESTAQUE

Personagens da Semana

Bom Despacho, terra da Literatura um grande filme. Nasci em 15 de novembro de 1967, em Bom Despacho – MG. Vivi a infância numa Vila Militar com muitas brincadeiras de rua. Estudei História e Biblioteconomia na UFMG. Sinto-me um comunicador de cinema a fazer filmes na singeleza do cotidiano.”

Tadeu de Araújo Teixeira é professor e escritor

Bom Despacho, sem dúvidas, vem se tornando a terra da Literatura. Em pouco menos de um mês vieram a lume nada mais do que cinco livros publicados por autores locais: Belchior (de Éder David), Tubo de Ensaio (de Ivan Ferreira dos Santos), Gandavos – A Alegria de Contar (coletânea - com Geraldo Rodrigues, João Batista Silva, Ronan T. Oliveira, Denise Coimbra e Tadeu de Araújo Teixeira. Impressões de Cinema (de Alberto Coimbra) e Semente Centenária (Geraldo Rodrigues – o Geraldinho do Engenho.) Sem dúvida, a Academia Bom-Despachense de Letras, por sua presença, exemplo e atividades, tem contribuindo para esse boom de produção literária crescente a que estamos assistindo em nossa cidade. As três primeiras obras, eu já as apresentei a meus leitores, semana passada. As duas últimas são objeto e motivo de minha apresentação de hoje. Semente Centenária Geraldo Rodrigues da Costa “Semente Centeránia” é o 11º livro do já consagrado escritor e historiador do Engenho do Ribeiro. Essa está entre as mais importantes obras dele porque aqui se resgata magistralmente o que de mais importante há na vida de um povo: a história de sua educação. Aqui se registra para sempre um momento grandioso do distrito: os 100 anos da fundação da Escola Maria Guerra. Em suas pesquisas, o autor levantou documentos como a ata da fundação deste estabelecimento centenário de ensino. Fundação que ocorreu em 15 de março de 1917. Foi uma data de incalculável repercussão e

O escritor bom-despachense Alberto Coimbra

influência positiva. O ato dessa efeméride foi celebrado, em festa, pelos habitantes locais. No evento fizeram-se presentes as maiores autoridades e lideranças do município de Bom Despacho. Ali, registrou-se o comparecimento de Pedro Paulo Gontijo, presidente da Câmara e prefeito municipal de Bom Despacho de 1915 a 1920 e seu sucessor Antônio Guerra da Silva (1920 a 1923). A jovem mestra Maria Guerra que assumiu naquele dia a responsabilidade pelo funcionamento do educandário, onde seria regente e diretora até 1950 e com cujo nome se batizaria depois a própria escola. O livro revela também que prestigiaram aquele magno acontecimento de 15 de março de 1917 ilustres personalidades: o vigário da Paróquia, o juiz de paz. Também o Sr. Guilhermino Rodrigues da Costa, um dos fundadores e um dos grandes responsáveis por aquela auspiciosa conquista educacional. Na páginas do livro, deparei também com a presença de meu avô paterno – Martinho Fidélis Teixeira, primeiro agende dos Correios de Bom Despacho e braço direito do Vigário Nicolau nas atividades paroquiais. E a seguir aparecem como participantes do evento histórico os nomes de outros conhecidos cidadãos bem como a população em peso do Engenho do Ribeiro.

Geraldo Rodrigues da Costa assim foi cultivando sua “semente centenária”, através de documentos, de testemunhos dos antigos e de sua vivência como exaluno da escola e da própria lenda vida da educação no Engenho, a Dona Maria Guerra de quem ele foi discípulo. O escritor, na descrição desses cem anos da existência da escola, vai entremeando fatos, considerações e personagens de todo o período. Desse modo ele resgata não só a memória do estabelecimento, como também a memória de todo um povo e de sua povoação: o Belo Vale do Jardim do Picão. Resta-nos louvarmos a dedicação e a capacidade do Geraldinho, que, nesse seu 11º livro editado, preserva a herança primorosa das tradições da comunidade e dos filhos do Engenho do Ribeiro. Impressões de Cinema Alberto Coimbra Alberto Coimbra por ele mesmo: “Minha vida é o cinema. Meu espírito revolucionário foi ao encontro de Brigite Bardot, François Trufaut, Jean Luc Godard e me fez avançar em direção à Sétima Arte e à contracultura dos anos 60. Os grandes musicais de Hollywood, a parceria de Fred Astaire, Rita Hayworth e Audrey Hepburn provocaram em mim um olhar sobre a vida, como

Impressões de Denise Coimbra Denise Coimbra, muitos anos fora de sua terra natal, voltou há pouco tempo e já se tornou uma das personalidades emblemáticas de Bom Despacho. Psicóloga e escritora, sua personalidade marcante e dinâmica a leva a exercer verdadeira e positiva liderança na Academia de Letras e no Jornal de Negócios. Atua como voluntária no grupo que sai às ruas plantando árvores e cuidando dos jardins. Participa também da APAC, associação que luta pela construção de uma prisão humanizante em Bom Despacho. Ela, que também já editou seu livro, fez a seguinte apreciação da obra literária de seu irmão: Impressões de Cinema, segundo Denise, “é um livro singular. Uma pororoca literária. E sabe por que leitor? Nele um rio de palavras e experiências derrama-se num mar repleto de imagens, sensações e sentimentos com uma força arrebatadora. Ondas de conhecimento, informações e memórias, que o autor possui a respeito da Sétima Arte, levam-nos a surfar pelos clássicos do cinema mundial e brasileiro”. Os semeadores de livros É assim que lhes apresento, caros leitores, nossos dois mais novos semeadores de livros. Os semeadores de arte e de palavras, que nos previnem contra os semeadores de violência, de intolerâncias, de desagregação humana. Foram cinco, em Bom Despacho, nesse final de julho e princípio de agosto. Entre eles Alberto

Capa do novo livro "Semente Centenária", do escritor Geraldo Rodrigues

Capa do livro "Impressões de Cinema", primeira obra de Alberto Coimbra.

Coimbra, o filho de um lar de músicos, de literatos, de intelectuais. O filho de Jair Coimbra e de dona Zininha.

Irmão, entre tantos, de Gilberto e Denise Coimbra, meus amigos fraternais e muito queridos.


DESTAQUE

Bom Despacho (MG), 6 a 12 Agosto 2017

Banda do 7º Batalhão levou projeto Cinema in Concert à Igreja do Rosário

Moradores da região do Rosário acompanharam domingo (30/7) mais uma edição do “Cinema in Concert”, apresentado pela Banda de Música do 7º Batalhão. Durante o espetáculo, realizado na Igreja do Rosário, a Banda tocou durante 50 minutos as músicas de grandes sucessos do cinema internacional. Houve também projeção de imagens e vídeos para o público. O espetáculo foi muito aplaudido pelos espectadores, elogiando a qualidade técnica e musical da Banda. O projeto “Cinema in Concert” fará mais quatro apresentações em Bom Despacho até novembro. Veja no quadro a agenda das apresentações.

9

Datas em Destaque 5 Agosto

Dia Nacional da Saúde

Data dedicada a Oswaldo Cruz, maior higienista brasileiro. Nascido em 5/8/1872, em São Luiz do Paraitinga (SP), Cruz dedicou-se ao estudo da bacteriologia e foi estudar no Instituto Pasteur, em Paris. Ao voltar da Europa, encontrou o porto de Santos atingido por violenta epidemia de peste bubônica e logo se engajou no combate à doença. Cruz também lançou uma nova luz sobre o problema da malária no país, reconhecendo o mosquito como o transmissor da doença. Com o aumento dos surtos de varíola, o sanitarista tentou promover a vacinação em massa, o que acabou levando à famosa Revolta da Vacina, já que a população se recusava a tomar as injeções. O governo controlou o levante, mas acabou com a obrigatoriedade da vacina. No entanto, Oswaldo Cruz acabou por vencer a batalha: em 1907, a febre amarela estava erradicada do Rio de Janeiro. Em 1909, ele deixou a diretoria-geral de Saúde Pública e passou a se dedicar ao Instituto que agora tinha o seu nome. Em 1913, foi eleito para a Academia Brasileira de Letras. Dois anos depois, por motivos de saúde, abandonou a direção da instituição e se mudou para Petrópolis, onde se elegeu prefeito da cidade. Morreu em fevereiro de 1917, aos 44 anos, sofrendo de crises de insuficiência renal.

11 Agosto

Dia do Estudante

Próximas apresentações 25 Agosto - Igreja Matriz Santa Rosa de Lima/Engenho do Ribeiro 29 Setembro - Paróquia Nossa Senhora do Rosário 27 Outubro - Paróquia Militar Santa Efigênia 24 Novembro - Igreja São Benedito

Em 11 de agosto comemora-se no Brasil o Dia do Estudante. Essa comemoração acontece desde 1927 e teve como ponto de partida um fato ocorrido 100 anos antes. Em 11 de agosto de 1827, o então imperador Dom Pedro I autorizou a criação das duas primeiras faculdades do Brasil, a Faculdade de Direito de Olinda (PE) e a Faculdade de Direito do Largo do São Francisco, em São Paulo. Por esse motivo, no dia 11 de agosto também se comemora o Dia do Advogado no Brasil.

Odeio quem me rouba a solidão sem em troca me oferecer verdadeira companhia. Nietzsche Olho por olho, e o mundo acabará cego. Mahatma Gandhi

Datas na Semana

Agosto 3521.4142 3522.3636 3521.4140 3521.4135

05 Dia Nacional da Saúde 08 Dia Nacional do Combate ao Colesterol 08 Dia Mundial do Pedestre 09 Dia Internacional dos Povos Indígenas 09 Dia do Administrador 11 Dia do Advogado 11 Dia do Estudante 11 Dia da Televisão 11 Dia da Consciência Nacional


10

Bom Despacho (MG), 6 a 12 Agosto 2017

DESTAQUE

Agronegócio responde por Ítalo Milo: talento 13,8% do PIB do Estado e amor pelo futebol FABIANO OLIVEIRA

ÍTALO COUTINHO

Ítalo Coutinho é engenheiro, MSc, PMP

Fabiano Oliveira é repórter, comentarista e cronista esportivo

O PIB do Agronegócio do Estado de Minas Gerais é calculado pela Cepea (Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada), com apoio financeiro da Federação da Agricultura e Pecuária de Minas Gerais (Faemg) e da Secretaria de Agricultura, Pecuária e Abastecimento de Minas Gerais (SeapaMG). Segundo o Cepea, a participação estimada do agronegócio mineiro no PIB ficou em 13,8% no primeiro trimestre de 2017. Como as estimativas podem variar, este percentual pode sofrer pequenas alterações. Entre os dias 18 e 29 de julho ocorreu em Belo Horizonte a 36ª Exposição Nacional do Cavalo Mangalarga Marchador. O evento estava repleto de competições, leilões, desfile de animais, entretenimento e movimentação de negócios no setor. Quem marcou presença na Exposição foi a Fazenda Santa Helena, de Bom

Caro leitor, com muita alegria e satisfação trago mais um exemplo de homem, cidadão e amante do futebol: Ítalo Milo, 26 anos de idade. Ele nasceu e cresceu aqui em Bom Despacho, filho de Marilúcia Afonso Milo Ferreira e Edson Pinto Ferreira. Conhecido como Jarrão, Ítalo começou a jogar bola na rua onde morava, ali atrás da Santa Casa. Todo mundo via nele um menino muito forte e diferenciado. Por isso foi levado e começou a jogar no Grêmio Esportivo Tiradentes (o Greminho do Batalhão) aos 10 anos de idade. Por lá jogou durante muitos anos. Depois atuou também na base do Fluminense de Florestal, Betim, Guarani de Divinópolis e Internacional de Carmo da Mata jogando o campeonato mineiro juvenil e juniores. No futebol amador da cidade e região jogou em clubes como União de Martinho Campos, Esplanada, Associação e Ipiranga, com alguns títulos: campeão do torneio Rádio Difusora, campeão juvenil regional com o União de Martinho Campos, campeão municipal de Martinho Campos, tetra campeão municipal em Luz, tri campeão na Lagoa Zé Luís. Também jogou vôlei por um ano no Ipê

Fazenda Santa Helena, de Bom Despacho, presente com stand na entrada da maior exposição de cavalos Mangalarga Marchador do Brasil Despacho. Reconhecida pela qualidade do feno que produz, atualmente a maior parte da sua produção

atende haras em todo o Estado de Minas Gerais. A empresa bom-despachense marcou presença com seu stand de vendas. Oportunidades neste setor estão se destacando e gerando emprego e renda para muita gente. O Estado, reconhecido pela produção agropecuária, tem se fortalecido nos últimos anos. Ainda assim, o segmento precisa se reinventar para manter participação representativa na economia mineira.

Campestre Clube Há três anos Ítalo Milo encontra-se na Argentina. Estuda na Universidade Nacional de Rosário focado no objetivo de ser médico. Seu sonho é tornar-se pediatra. Mas apesar de estar focado no seu objetivo, nas horas vagas ele promove torneios de futebol society e ainda joga seu futebol num país que é muito pegado. Já atuou em vários clubes amadores da Argentina. Quando chegou lá foi para a 4ª divisão com o time do Oxigeno.F.C., que hoje está na 1ª divisão, onde já ganhou alguns títulos. Foi campeão do torneio Sangre Desportiva, campeão do torneio Tifosi e melhor goleiro da competição, 2º colocado no torneio loyal e melhor goleiro do torneio, 2º colocado do torneio

Champanhe e mais uma vez o melhor goleiro da competição. Atualmente ele disputa um torneio amador por uma equipe chamada La Gloria F.C. e está na semifinal da 1ª divisão. O Ítalo nunca procurou um time profissional na Argentina, mesmo com muitos colegas e amigos dizendo para ele fazer isso. Prefere seguir focado nos seus estudos. Ítalo milo já jogou na linha, mas seu forte mesmo é o gol. Torce de coração para o Corinthians, mas em Bom despacho seu time é o Ipiranga do Engenho. Na Argentina torce para o Newll"s Old Boys. Este meu personagem é um grande ser humano, humilde e amigo. Por isso desejo-lhe tudo de bom e que o Pai do Céu o abençoe e lhe conceda muita saúde, paz e sabedoria.

Veja como anunciar no Jornal de Negócios Para publicar anúncios NEGRITO e DESTAQUE na seção Compra & Venda procure o ponto de atendimento na LOTERIA DO BETO. Escreva o anúncio no formulário próprio disponível no local e faça o pagamento no caixa da Lotérica. Anúncios GRATUITOS da seção Compra & Venda continuam sendo deixados na caixinha de coleta do XUÁ Lanches. Podem também ser enviados para o e-mail classificados@joneg.com.br.


DESTAQUE

PAINEL ALEXANDRE BORGES

Alexandre Borges é advogado, jornalista profissional e editor

Bom Despacho (MG), 6 a 12 Agosto 2017

11

Pe. Douglas: jovens precisam buscar sentido para a vida

Aos 33 anos, o bom-despachense Douglas Rodrigues Xavier foi ordenado padre pela Igreja Católica no sábado, 29/8, em cerimônia realizada na igreja matriz de Bom Despacho. Filho de José Aluísio Xavier e Denise Xavier, Douglas é neto do falecido Cuiê (Rafael Rodrigues), músico que tocava vários instrumentos e ficou muito conhecido especialmente por seu talento no bandolim. Certamente veio daí o gosto do neto por música clássica, pop, rock e MPB. Sereno e de fala mansa, o Padre Douglas logo deixa transparecer sua cultura acadêmica e sua devoção pelos estudos. Fala quatro línguas com fluência: Português, Inglês, Latim e Espanhol. Conhece também o Hebraico. Gosta de estudar oito horas por dia. Advogado com duas especializações, deixou o mestrado em Direito antes de entrar para o seminário, em 2011. Permaneceu dois anos no seminário de Luz e depois fez os estudos maiores no seminário em Belo Horizonte, onde formou-se em Filosofia e Teologia. Nesse período buscou cursos extracurriculares e especializou-se em Língua Latina. “Quis estudar Latim para ler grandes clássicos no

original, como Marco Túlio, Sêneca e outros”, diz ele. Douglas chegou também a lecionar na PUC Minas. “Academia é meu ar, meu oxigênio”, afirma o sacerdote. Por causa desta paixão, antes de ser ordenado, Padre Douglas pediu ao bispo diocesano que não lhe designasse tarefas e atividades pastorais que o impedissem de estudar e continuar na academia. Por enquanto, Padre Douglas vai trabalhar em Lagoa da Prata. Em outubro próximo, quando está previsto o remanejamento geral dos sacerdotes na diocese, ele terá a designação definitiva da cidade onde vai atuar. Na entrevista exclusiva ao Jornal de Negócios, feita pelo editor Alexandre Borges, Padre Douglas Xavier fala da sua vida, da sua vocação e dos seus planos como sacerdote. Emocionado por ser esta “a primeira entrevista da sua vida”, o Padre Douglas lembrou-se do tempo em que era estudante e trabalhou como agente publicitário no Jornal de Negócios, no início dos anos 2000. Desde aquela época ficou uma certeza para todos que conviveram com ele no Jornal: o simpático, atencioso e dedicado agente publicitário tinha um futuro brilhante.

Quando se manifestou seu desejo de ser padre?

Quando um advogado, por exemplo, faz seu trabalho apenas pela remuneração ele estará cumprindo sua função. Mas quando faz seu trabalho movido também pelo ideal de concretizar a justiça, o bem social, pensando nos valores humanos envolvidos, ele estará dando um sentido superior àquilo que aparentemente é natural e cotidiano. Cuidar do humano é essencial, mas não podemos voltar nossos olhos apenas para esta realidade, porque nós cremos na vida eterna. A meu ver, a vida cotidiana deve ser um momento de experiência de Deus.

Desde quando eu me entendia por gente dizia que queria ser padre. Foi algo aparentemente sem explicação racional, porque na minha família não há nenhum sacerdote. Minha família não é muito envolvida na vida religiosa, na igreja. Portanto, não foi por influência familiar Foi vocação, no sentido literal da palavra? Em latim, vocação significa chamado. Se pensar que desde minha infância eu já queria ser padre, que sempre me envolvi muito com a vida da Igreja mesmo não sendo influenciado pela família, se pensar em como foi minha vida até ser ordenado, tenho que acreditar que é realmente uma vocação, um chamado divino. Antes de entrar para o seminário você formouse em Direito e trabalhou num grande escritório de Belo Horizonte... Sim, mas sempre mantive o desejo latente de ser padre. Eu me formei em Direito e fui trabalhar na capital. Na época era advogado e professor universitário. Lidava com Direito Penal e Direito Internacional, atuando também no Rio e em São Paulo. Antes de assumir o sacerdócio de maneira convicta, completa, eu quis viver a realidade do mundo exterior para que quando entrasse no seminário o fizesse de forma plena. E como foi a decisão de largar a carreira de advogado? Chegou um momento no qual percebi que minha vocação sacerdotal estava quase ficando em segundo plano. Mas para mim o sacerdócio era algo muito sério, muito sagrado. Por

isso parei e fiz uma reflexão interior muito profunda. Ou sigo no Direito e coloco um ponto final neste meu desejo de ser padre e nunca mais penso nisto, ou deixo tudo e entro para o seminário. Decidi ficar um ano no seminário para conhecer. Dei-me um ano para experimentar. Se der certo, continuo, pensei. Se achar que não é este meu caminho, não terei perdido nada. Volto para o Direito e sigo minha vida profissional. Tranquei o mestrado e fui para o seminário de Luz dia 28/ 01/2011. Fiquei lá por dois anos fazendo o propedêutico e depois segui para Belo Horizonte, onde cursei os estudos maiores até ser ordenado. Abraçar o sacerdócio exige muitas renúncias pessoais. Como você lida com isso, especialmente considerando que deixou uma carreira promissora de advogado e professor para tornar-se padre? Não penso que estou perdendo nada. Muito pelo contrário, eu mais ganho. Algumas pessoas às vezes brincam dizendo “que desperdício de inteligência”. Não vejo assim. Pelo contrário: estou somando meus dons com aquilo que gosto. Quero colocar meus dons e meu esforço para o bem das pessoas. Sim, eu poderia colocar meus talentos e minhas habilidades em prol de uma carreira profissional como advogado. Mas qual seria meu legado neste mundo se fizesse isto? O que poderia deixar, qual seria minha contribuição para a humanidade? Viveria, mas talvez sem ter existido. Não poderia deixar uma marca no mundo, não poderia deixar algo de bom. Qual seu projeto de vida como sacerdote? Ser uma presença efetiva

Padre Douglas Rodrigues Xavier

na vida das pessoas e da sociedade. Fazer com que a mensagem do Evangelho, a mensagem do Cristo, torne-se efetiva no mundo. Hoje vivemos num mundo de muitas pessoas bem resolvidas, financeira e socialmente, mas vazias, sozinhas, sem valores, sem rumos, sem solidez e nem substância na vida. Quero levar uma mensagem, uma proposta de vida que ultrapasse estes valores perecíveis a fim de que a sociedade se transforme para melhor. Como é ser padre num mundo tão apegado à tecnologia? Como manter o interesse das pessoas pela espiritualidade e pelos valores defendidos pela Igreja? Há quem diga que religião é o opróbio do povo, algo absolutamente descartável e opressor. Veja que isto não é verdade, não é assim. Na verdade, o homem é um ser religioso. Desde as cavernas o ser humano já esboçava uma espécie de religião. A Filosofia – ciência do pensar – nos mostra que desde as suas origens o homem tinha uma expressão religiosa. Defender a religião, defender os valores religiosos, é defender os valores humanos. Valores humanos e valores religiosos não são opostos, são comuns. O homem religioso não comete uma infração penal – não por respeito ou por medo da lei – mas pelo temor de Deus e a consciência reta diante da questão religiosa. O tempo cronológico parece passar cada vez mais rápido. As pessoas correm atrás das realizações financeiras mas se esquecem do que traz gosto e sabor à existência. Espiritualidade

não é algo alienante, que torna o sujeito à parte da existência. Ela permite antes de tudo lançar um olhar naquilo que é essencial. E o essencial é viver com valores e ter um projeto de vida que não contemple apenas a sua individualidade, mas que olhe também para o outro. É construir um projeto que seja capaz de deixar um legado para a humanidade. Quais são as maiores angústias das pessoas na atualidade, especialmente os jovens? A falta de propósito, de sentido para a existência. Vivemos num tempo em que as coisas são muito líquidas, é tudo muito rápido, apressado. A própria existência tornou-se virtual. Por conta disso caímos no vazio. Às vezes temos 5.000 amigos no Facebook mas não encontramos alguém para compartilhar a vida, a existência, as alegrias e as angústias próprias da existência. Vivemos num tempo em que muitas oportunidades se abrem para os jovens. No entanto, há falta de um projeto de vida. Pode-se ser tudo, mas ao mesmo tempo cai-se na limitação própria da vida. E qual é a saída para este dilema? Cultivar uma vida espiritual. Isto passa por três aspectos: 1) fazer bem as coisas do cotidiano, cumprir as obrigações com zelo, buscar excelência naquilo que fazemos; 2) praticar a meditação e a oração para que as conquistas e realizações tenham um sentido; 3) cultivar a vida intelectual, os estudos, a leitura.

A tecnologia pode ajudar no seu trabalho de sacerdote? Usa ou vai usar redes sociais? Na minha visão as redes sociais são o novo púlpito. Permitem que a mensagem chegue de forma rápida a todos aqueles que estão conectados. Hoje tenho pouco tempo para usar redes sociais, mas reconheço seu grande valor. Jesus disse aos discípulos para pregar o Evangelho do alto dos telhados. Naquele tempo era o ponto de onde conseguiriam maior alcance para suas palavras. Hoje em dia, o alto dos telhados são as redes sociais. Qual é seu maior desafio como sacerdote hoje? Acho que são dois: o primeiro, conseguir ultrapassar a barreira do homem religioso para aqueles que, pelo simples fato de saber que se trata de um religioso, não querem ouvir o que temos a dizer. Muitas pessoas alimentam um preconceito muito grande contra religiosos e contra religião sem ao menos ouvir o que eles têm a dizer. O segundo desafio é fazer com que o padre ocupe o seu lugar na sociedade. O lugar de alguém que pro-

move a vida e é capaz de dialogar com todos os campos da sociedade: intelectuais, políticos, idosos, crianças. Um homem que tenha condições de chegar numa cátedra acadêmica e fazer um discurso para doutores e intelectuais, mas também possa chegar numa comunidade de periferia, de pessoas carentes, como presença transformadora. Muita gente vê padres como pessoas dogmáticas, moralistas, alienadas... Verdade. Tomam como referência episódios pontuais da história para nos julgar. Com isso fecham os ouvidos ao que a Igreja tem a dizer na atualidade. Mas eu creio na Igreja Católica enquanto instituição divina, criada por Deus. Creio na Igreja como aquela instituição humanitária que ama a cultura, ama o ser humano e cuida da vida. A instituição que preservou a arte e a cultura humanas ao longo dos séculos. Os padres são instrumentos para a grande contribuição que a Igreja tem a dar na formação de consciências, na transformação da sociedade, colocando valores importantes e perenes no coração das pessoas. Estes valores podem transformar a sociedade para melhor. Que mensagem deixa para os jovens de hoje dentro dessa visão transformadora? Uma mensagem de encorajamento. Coragem de buscar sentido para a vida que contemple tanto a realização pessoal quanto a transformação social através da educação. Acredito que a educação é a maior força transformadora em todos os aspectos: social, pessoal, político e humano.


12

Bom Despacho (MG), 6 a 12 Agosto 2017

DESTAQUE

Jornal negocios 1474 pags 1 a 12  
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you