Page 1

Sexta-feira

Ano XV w NATAL-RN,

13 DE JULHO DE 2012 w Nº 4.389

R$1,00 w jornaldehoje.com.br

> JUSTIÇA ELEITORAL

Três coligações partidárias entram com ação para impugnar candidatura de Carlos Eduardo PARA OS ADVOGADOS QUE ASSINAM A PETIÇÃO, O EX-PREFEITO DE NATAL SE TORNOU INELEGÍVEL, COM BASE DA LEI COMPLEMENTAR N 64/90, POR TER AS CONTAS DE SUA GESTÃO REJEITADAS PELA CÂMARA DE VEREADORES O

POLÍTICA 3 Heracles Dantas

> ELEIÇÕES 2012

Presidente do TSE diz que Lei da Ficha Limpa será aplicada com rigor POLÍTICA 5

> ÚLTIMO DIA PARA IMPUGNAÇÕES...

Para procurador, pedido deveria ser condicionado à existência de liminar POLÍTICA 5

> REUNIÃO DO CONDEL/SUDENE

Rosalba quer ajustes ao plano de enfrentamento aos efeitos da seca no NE CIDADE 6

Durante reunião com juízes eleitorais do RN, ministra Cármem Lúcia cobra atenção ao cumprimento da lei e prevê que eleições serão “quentes” Wellington Rocha

> SEM ESCOAMENTO

Chuva continua deixando as vias de Natal intransitáveis CIDADE 8

> SAIDINHA DE BANCO

> APÓS DESFALQUES

Dupla é presa após roubar R$ 11,3 mil de comerciante

ABC e América fazem últimos ajustes para os jogos de amanhã

CIDADE 10

ESPORTE 15

Alagamento na rua Dr. José Gonçalves é antigo e sempre causa prejuízo aos motoristas. Desta vez, foi preciso acionar o Corpo de Bombeiros

Túlio Lemos

Marcos A. de Sá

Daniela Freire

Vicente Serejo

Rubens Lemos F.

Página 3

Página 7

Página 12

Página 13

Página 16

w Processo aberto pelo MP provoca preocupação em relação à liberdade de imprensa.

w Rosalba garante construção de Terminal Pesqueiro Artesanal no Canto do Mangue.

w Aldo de Medeiros afirma que “administração da OAB está no século passado”.

w Herdeiros de mandatos, pobres de espírito público, só empobrecem a luta política.

w No futebol de salão, de campo e até no de areia, o brasileiro está doente do pé.

ESCREVEM ARTIGOS DA EDIÇÃO DE HOJE Maurilton Morais Adauto Medeiros Adalberto Targino Laurence Bittencourt Ormuz Barbalho Simonetti José Narcelio Marques Sousa OPINIÃO - Página 2

INDICADORES: Dólar comercial R$ 2,03 Dólar turismo Dólar/Real

R$ 2,09 R$ 2,03

Euro x real Poupança Taxa Selic

R$ 2,49 0,51% 8%

EMAIL REDAÇÃO:

jornalismo@jornaldehoje.com.br

ACESSE O SITE:

www.jornaldehoje.com.br

SIGA-NOS NO TWITTER:

@jornaldehoje

TOTAL DE PÁGINAS NESTA EDIÇÃO

20 CMYK


2 O Jornal de HOJE

Artigo

Opinião

Natal, 13 de julho de 2012

MAURILTON MORAIS, psiquiatra e psicoterapeuta cognitivo comportamental (mauriltonmorais@uol.com.br)

Amancio

Sexta-feira

Artigo

amancionatal@gmail.com / www.chargistaamancio.blogspot.com

Hoje, o que é adultério? Os tempos mudaram depois da globalização e da cibernética. Os conceitos de infidelidade e adultério adquiriram diversas interpretações, variando desde o flerte até ligações marcadas por envolvimento emocional. Algumas vezes é um complemento das necessidades não satisfeitas pelo cônjuge. Noutras há a substituição quase total do parceiro, com envolvimento emocional. Pode existir o envolvimento emocional, sem relações sexuais. Como pode haver relações sexuais, sem envolvimento emocional. Um exemplo é do casal F onde vivendo um casamento aparentemente ajustado, ele contador e cantando no coral da igreja sente atração por uma jovem e os dois saem juntos por 2 anos sem nunca irem para a cama. Há uma questão de ordem patriarcal e econômica que está se desfazendo com as novas legislações sobre união estável, o "pátrio poder", a virgindade pré-matrimonial da mulher. Um amigo S. participou da geração de 3 filhos em 3 senhoras casadas da alta sociedade e que se fossem descobertos, alterariam a ordem econômica familiar. E agora com a web, onde os face, os twitters, as mensagens secretas transformam-se, em alguns casos em jogos

Artigo

virtuais de sedução? É adultério ou infidelidade? Ou exposição de sentimentos reprimidos? É necessário o contato físico para caracterizar o adultério, seja no beijo, no "amasso" ou na penetração genital? Em 1972, li um livro de George O'Neil (antropólogo) e Nena O'Neil (psiquiatra) – O casamento aberto – onde afirmavam que a fidelidade sexual é como um "deus falso" do casamento "tradicional". Ou que o sexo no casamento fechado é sinônimo de fidelidade, medida do amor ilimitado e propõem substituir o termo fidelidade como fim último pelo termo confiança mútua. O sexo extraconjugal pode acontecer ou não, cabendo apenas aos 2 parceiros, aceitar ou descartar de acordo com suas decisões. Hoje com a globalização, a mudança a cada hora, com as relações de capital-mão de obra se transformando, qual é o melhor, manter o casamento estável com algumas "puladas" de cerca e mantendo a ordem econômica equilibrada ou arriscar a desfazer um casamento insípido e inodoro caindo na malha fina da desorganização financeira e familiar em nome do velho amor romântico?

ORMUZ BARBALHO SIMONETTI, presidente do Instituto Norte-rio-grandense de Genealogia-INRG e membro do IHGRN (ormuzsimonetti@yahoo.com.br)

De volta pra o aconchego II Seguiu a cavalgada/carreata estrada afora. No carro de som que fazia parte do cortejo, podíamos ouvir cantigas de vaquejada: "Minha mãe teve dois filhos, fruto de amor e paixão. Brincando crescemos jutos às margens do Riachão. O destino separou, ele foi ser um doutor e eu fiquei pra ser pinhão". Pouco antes de chegar à fazenda Lagoa do Cajá, aconteceu um pequeno acidente. Uma das cavalheiras foi atirada ao chão, quando sua montaria desequilibrou-se ao pisar em um buraco. Nada de grave, apenas um susto. Nessas cavalgadas, não raro acontece pequenos incidentes o que já é comum nesses eventos. Na fazenda Lagoa do Cajá, Marlene nos esperava para o almoço. O prato principal seria um "porco no rolete" acompanhado de uma "favada". Já havia experimentado o feijão fava de diversas maneiras, porém jamais tinha comido uma fava com aquele sabor. Preparada à base de carne de charque, paio, lingüiça calabresa, bucho bovino, mocotó, muito tempero e a habilidade da cozinheira, logo transforma aquele rústico cereal, muito apreciado no sertão nordestino, em um verdadeiro manjar dos deuses. Em dado momento a tradição se fez presente com "Neguinho Aboiador" tirado versos com os participantes, às vezes arrancava risos e aplausos. É bonito e sonoro ouvir o poeta-cantador, em preservação a uma das mais puras e autênticas manifestações culturais do nordeste do país. O escritor José de Alencar, em seu livro O Sertanejo, diz do ritual do aboio. "Não se distinguem palavras na canção do boiadeiro; nem ele as articula, pois fala do seu gado, com essa linguagem do coração que enternece os animais e os cativa". Por volta das 3 horas da tarde depois de muito forró, cachaça, porco no rolete e a inesquecível favada, partimos para a mais famosa e antiga das fazendas da região: a Fazenda Lagoa Nova. Assim que atravessamos a porteira, logo me deparo com aquela paisagem já bem conhecida de outrora. A visão da lagoa que se debruça em frente à casa grande, cheia de marrecas, galinhas d'água, jaçanãs e mergulhões, nadando tranqüilos naquele espelho d'água que refletia as nuvens muito brancas, em contraste com o lindo azul turquesa de suas águas. Parei o carro por alguns instantes para melhor desfrutar daquela beleza singular. O casarão construído em taipa e com mais de 100 anos de existência, encontra-se em bom estado de conservação. Fomos recebidos por tia Julia, viúva de Paulo Barbalho que herdou de seu saudoso marido o dom de boa anfitriã. Até os dias de hoje nunca conheci um pessoa que se igualasse a Paulo Barbalho no trato amigo e acolhedor dos que tiveram a sorte de baterem á sua porta. A família Alves é testemunha dessas suas qualidades, pois muito se beneficiou de sua arte de bem receber, além da sua fiel amizade, lamentavelmente, nem tanto correspondida. De Lagoa Nova a caravana dirigiu-se para a fazenda Santa Terezinha, cujo proprietário é outro primo, Honório Barbalho. Ao chegar já encontramos a fazenda com muitos convidados vindos de Goianinha. O prato principal oferecido aos que chegavam era um delicioso queijo de manteiga, que acabara de sair do fogão à lenha. Pedi licença ao dono da casa para cumprimentar a queijeira. Dona Délia exímia na sua arte, desde pequena dedica-se a essa atividade aprendida com seus pais. Infelizmente não houve tempo para comer o que mais aprecio na confec-

ção do queijo de manteiga: a raspa do taxo. A mistura feita com migalhas de queijo que ficam presas no fundo da panela, com farinha de mandioca e um pouco de manteiga da terra, também conhecida como manteiga de garrafa, por ter sua comercialização feita em garrafas, se constitui em uma das maravilhas da gastronomia sertaneja. A próxima e última parada foi na fazenda Jacumirim, de propriedade de Edinho, amigo e parceiro dos organizadores. Não compareci vencido pelo cansaço. Retornei para a fazenda Lagoa do Cajá onde iria pernoitar. Aguardaria o retorno dos participantes, pois lá estava prevista a finalização do evento, com um forró pé de serra. A festança varou a noite com muita alegria, churrasco e a indispensável boa cachaça. Pela manhã acordei com o canto melodioso dos pássaros que saudava o milagre do amanhecer. Ao lado da casa, três grandes pés de algaroba servem de refugio aos pássaros que chegam para dormir. Bem-te-vis, sabiás, galos de campina, sanhaços, os saltitantes xorrós, majestosas rolinhas, golinhas e canários, exibem-se com seus gorjeios melódicos. Até um casal de casaca-de-couro, pássaro que há anos não via, também marcou sua presença naquela benfazeja manhã. Voando alto e ligeiro, vez por outra, ouvia o canto dos verdes-linho, pássaros pequenos e ágeis da família dos periquitos, também conhecidos na região pelo prosaico nome de "tapacu", que tem por hábito escolher o oco das árvores ou velhos cupinzeiros para nidificar. No pátio em frente à casa grande, o tetéu se exibia com vôos rasantes e seu canto estridente. Também podíamos ouvir, mesmo sem vê-los, o piado dos nhambus, ave muito arisca e com grande poder de mimetismo com o ambiente natural, proteção que lhe garante a difícil sobrevivência. A garoa caída durante a madrugada fez aquelas terras se revestirem de esperança e de vida, no eterno milagre do desabrochar da natureza. Durante a madrugada tive ainda a oportunidade de ouvir o piado agudo das marrecas-viuvinhas, também conhecidas como irerês, que voando por cima da casa grande, se deslocava a procura de novas aguadas. Do curral, situado ao lado da casa, chegava aos nossos ouvidos o mugido dolente do gado sendo separado para a ordenha feita ainda de maneira tradicional. O cheiro característico do curral misturado ao orvalho da manhã levou-me a recordas passagens de minha infância e adolescência vividas naquelas mesmas terras, onde hoje me encontrava. Todos nós guardamos alguns aromas em nossas mentes. Esses aromas, que fazem parte da nossa memória olfativa, são também chamados de Perfume da Memória. Há quem defenda a tese, de que nunca compramos um alimento ou artigo de perfumaria, sem antes sentir o seu cheiro. O bezerro atados a pé da vaca por um arreador - pequena peça de cordaesforça-se para alcançar suas tetas, enquanto o vaqueiro com movimentos ágeis e cadenciados retira delas o leite quentinho e cheiroso e de sabor inigualável. Tomamos alguns copos. Uma delícia! Infelizmente a grande maioria dos habitantes urbanos, jamais irão sentir o prazer de tomar um copo de leite ao pé da vaca. Felizes aqueles que têm a oportunidade de vivenciar momentos tão venturosos como esses, no dia em que, aceitando um convite, fiz uma nostálgica viagem, de volta ao meu aconchego.

ADALBERTO TARGINO, procurador corregedor-geral do Estado/PGE e membro da Academia de Letras Jurídicas do RN (ceaf_pge@rn.gov.br)

Poderes: harmônicos ou promíscuos?

Artigo

ADAUTO MEDEIROS, engenheiro civil e empresário (adautomedeiros@bol.com.br)

Gangue aliada ou concubinato político É lamentável que a sociedade brasileira ainda pense que o governo é a solução para resolver os problemas do povo. Essa mentira vai durar até quando? Os donos do poder - os políticos usam os recursos financeiros da população (governo não fabrica dinheiro) não em benefício da sociedade e sim em seus próprios interesses. Os partidos políticos sem o menor relacionamento com a sociedade empurram com a barriga os problemas, não porque não saibam deles, mas porque as soluções quase sempre não passam pelos interesses deles, os políticos, e porque os interesses da comunidade são sempre secundários e os ditos "importantes" são os pessoais, deles, os políticos. É incrível isso. Temos hoje 55.000 (cinquenta e cinco mil vereadores) e o nosso Congresso resolveu aumentar em mais 5.000 (cinco mil). A pergunta é para quê? Qual a lógica dessa decisão? Nenhuma lógi-

Artigo

ca. Ora o Congresso tem muitos assuntos importantes para com que se preocupar, discutir e votar, como a reforma tributária, a política, a diminuição da corrupção e os gastos com impostos, mas são assuntos que dormem no parlamento, talvez esperando por um milagre. Agora os políticos querem passar para 10% do PIB as verbas da Educação, mas o ministro da Fazenda, Guido Mantega declarou que não há condições para isto. O Estado está quebrado. No entanto, esqueceu-se de dizer aos eleitores que existem 3 milhões de aposentados do setor público que seus salários são maiores do que o gasto com 37,5 milhões de crianças do ensino básico, fundamental e médio e o mais grave é que enquanto na OCDE (Organização de Cooperação e Desenvolvimento da Educação) são 2 (dois) professores para cada funcionário, no Brasil é 1 (hum) professor para cada 3,5 por funcionário.

Na verdade e de acordo com a realidade brasileira se o governo aumenta o dinheiro para a educação os grandes beneficiários não são os professores que estão dentro da sala e sim os que estão fora da sala de aula. No Japão qualquer cidadão tem que se curvar diante do imperador, mas somente no caso do professor é que ocorre a inversão: ou seja, é o imperador que se curva diante do professor. Isso mostra a importância que eles dão a educação. E nós? Tudo isso, isto é, o nosso quadro educacional, reflete na qualidade do nosso ensino, e podemos afirmar que temos um dos piores ensinos do mundo. A Coréia deixou o subdesenvolvimento puxado pelo motor da educação, mas aqui todo o motor é puxado pelo Estado, tais como políticos, funcionários públicos, empreiteiras, fornecedores e tudo o que é grudados nas verbas públicas. É uma pena. Resta saber até quando?

LAURENCE BITTENCOURT, jornalista (laurenceleite@bol.com.br)

Para que serve uma CPI? Vou fazer uma pergunta a você leitor que me acompanha semanalmente. Será que o senhor ou a senhora assistiu ao depoimento do prefeito de Palmas esta semana pela televisão na CPI do Cachoeira? Pois bem, caso não, vou lhe fazer um resumo seguido de outra pergunta. A questão central é: por que o prefeito de Palmas, Raul Filho ligado ao PT, foi convocado para a CPI do Cachoeira? O prefeito, sua excelência, com todo o respeito, foi convocado após a liberação de um vídeo (foi filmado) exibido nas televisões em que o mesmo quando ainda era um pré-candidato foi flagrado conversando com Carlinhos Cachoeira (o mesmo que sozinho, sozinho continua preso - é bom destacar que ele não tem cargo político), veja bem, conversando com o próprio Carlinhos Cachoeira combinando favorecimento para o grupo de Cachoeira. Após ser eleito, a empresa Delta apontada pela Polícia Federal como pertencente ao esquema do Cachoeira, foi "favorecida" com contratos sem licitação de mais 100 milhões de reais. Agora vem a parte mais folclórica do depoimento. Na CPI o próprio prefeito além de negar (apesar da evidência do vídeo) disse que não sabia direito quem

Artigo

era Carlinhos Cachoeira. Pode isso? Um candidato a prefeito vai conversar com alguém no seu gabinete para falar de valores financeiros e diz que não conhecia o interlocutor? E o pior, ou o folclórico é que o prefeito terminou usando estas palavras na CPI, leiam: "Fui certo sem saber em que área ele atuava. Isso realmente é indecente. Eu tive a infelicidade de ser filmado". Mas peraí, como é que alguém diz "eu tive a infelicidade de ser filmado" e terminado o depoimento sai tranquilamente para casa? Agora eu lhe faço outra pergunta: em país sério (você pode rir e dizer com ironia, "mas este não é o caso do Brasil". Concordo, mas vamos imaginar que sim) não era para terminado o depoimento ser chamada a polícia e a mesma colocar algemas nos braços do prefeito e o levado preso? Mas isso é dinheiro do contribuinte, do povo, dinheiro suado, pelo trabalho, e que vai para os chamados "cofres públicos", que de público não tem nada, e fica tudo por isso mesmo. Como é possível? Muitos dizem, alguns amigos inclusive, "Laurence é inútil, esse país não muda, você está perdendo seu tempo, escreva sobre outras coisas, literatura, por exemplo,". Bom, não sei o que você que me acompanha acha disso,

mas eu não penso assim, e acho que com o silêncio a coisa é ainda pior. Utopia? Pode ser. Agora teremos eleições novamente para prefeito das cidades. Muitos dos candidatos já foram acusados das piores coisas. Escândalos e mais escândalos. Será o que o seu candidato já foi acusado também? E se foi, você acha que o mesmo merece seu voto? Bom, alguém com um senso mais realista (nessa horas o que há de "realistas" é um caso sério) pode dizer: "é inútil o povo não sabe dessas coisas e quando quer votar não tem quem o faça desistir". Pode ser verdade. E até diria, em muito é. Mas não totalmente. E mais: sabemos que propaganda política é uma forma de maquiagem, transformando candidatos em "produtos de limpeza". Fazem (o marketing) uma verdadeira assepsia, ainda que a verdade sempre venha e se imponha. Não se engana a todos o tempo todo. Vender uma idéia com argumentos retóricos pode ser uma boa maneira de maquiar ou distribuir ilusões. Mas é preciso lembrar ou confiar que uma democracia não é totalitarismo (ainda que muitos queiram) com uma única opinião. Há forças outras em movimento. Quem sabe haja espaço para elas.

JOSÉ NARCELIO MARQUES SOUSA, engenheiro civil (narcelio@supercabo.com.br)

O simbolismo da pomba Assisti pela televisão cenas das exéquias de Dom Eugênio Sales. Para mim uma celebração comovente e significativa sob diferentes aspectos. Pelo fato de o morto ali velado ser um conterrâneo nosso, por ser um mantenedor das tradições da Igreja Católica, pela coragem demonstrada durante a ditadura militar, pela criação da Campanha da Fraternidade, pelo doutrinamento desprovido de vinculação ideológica, pela humildade cultivada com naturalidade, pela atuação em defesa dos menos favorecidos, por uma trajetória de vida retilínea e dedicada a Cristo, pela determinação e fé inquebrantáveis na crença que difundiu. Durante seu apostolado em Natal eu o vi algumas vezes. Nunca recebi a comunhão de suas mãos, tampouco lhe fui apresentado nem me recordo de lhe ter dirigido a palavra, mas sempre o admirei. Já o trabalho desenvolvido na arquidiocese de Natal, na Bahia e no Rio de Janeiro, esse se tornou do conhecimento público em razão do ineditismo, das ações encetadas e dos benefícios extensivos às classes sociais menos favorecidas. Ainda acerca desse trabalho, outras particularidades foram postas neste vespertino em textos de Marcos Aurélio de Sá, Ney Lopes de Souza e Diógenes da Cunha Lima. Sobre o homem,

muito já se escreveu e muitas outras linhas ainda o exaltarão. Minha intenção aqui é destacar a presença de uma pomba branca durante o seu funeral. O fato de alguém soltá-la ao ar, isto é natural. Resulta numa forma singela de respeito, gratidão ou reconhecimento ao homem ou ao seu trabalho. Atitude corriqueira provocada por pessoa anônima ou programada pelo cerimonial do evento. Natural também seria que o pássaro, uma vez liberto, alçasse voo às alturas em busca de liberdade e segurança fugindo do burburinho da multidão. Já vimos isso em variadas comemorações de datas cívicas, em aberturas ou encerramentos de Jogos Olímpicos, Copas do Mundo e outras tantas manifestações desportivas ou patrióticas. Nessas coreografias é comum utilizarem pombas brancas em revoadas sem controle, mesmo assim encantadoras. Sim, isso nós já vimos bastante. Procuro explicações para o voo de uma pomba em particular, que ao invés de manter comportamento idêntico ao de aves da sua espécie, naquele rito solene teimou em pousar no ataúde do cardeal. Já imaginei que ela fora treinada para abrilhantar o enterro num adestramento caprichosamente elaborado, uma vez que os pombos se prestam bem para

o papel, pois basta vê-los saindo das cartolas de mágicos e afins. Ainda assim, seria um trabalho louvável e ideia brilhante da cúria brasileira, até porque nem nas exéquias papais cogitaram algo similar. Causou estranheza sim, o voo da pomba. Depois de solta ela percorreu uns poucos metros e desceu sobre o caixão em movimento. E ali postado o pássaro seguiu para dentro da catedral, pousou no chão da nave central logo abaixo do corpo velado, e fez pequenos voos sem perder o foco no ataúde nem receando a multidão. Por último, permaneceu durante toda a noite de vigília ao corpo num dos pontos mais altos do interior do templo. Qual a explicação para o fato? Para a humanidade a pomba branca simboliza paz entre as nações. Para nós católicos, quando a pomba trouxe para Noé o ramo de oliveira depois do dilúvio, simbolizou a paz entre Deus e os homens. Na interpretação bíblica a pomba branca é um dos símbolos do Espírito Santo. Não sei qual juízo de valor fará o leitor sobre a pomba naquele funeral. Para mim foi uma clara manifestação do reconhecimento divino. As boas vindas do Espírito Santo. A acolhida do Pai à alma nobre do filho Eugênio de Araújo Sales na santa paz da eternidade.

O Brasil, ao longo de sua história constitucional, tem proclamado respeito à teoria da Divisão Trilateral do Poder. Um exame, ainda que perfunctório, aponta esta verdade, desde o Império. Sem dúvida, o art. 9º, da Constituição de 1824, garante que, "A divisão e harmonia dos Poderes Políticos e o princípio conservador dos cidadãos é o mais seguro meio de fazer efetivas as garantias que a constituição oferece". Havia, porém um esdrúxulo quarto poder Moderador, exercido pelo Imperador, com supremacia sobre os demais. A primeira Constituição Republicana, a de 1891 (sob a batuta de Rui Barbosa e nos moldes do liberalismo político e da democracia burguesa norte-americanos), no seu art. 15, assegurava que "são órgãos da soberania nacional os Poderes Legislativo, Executivo e Judiciário, harmônicos e independentes". A Carta Política de 1934 (inspirada na Constituição Alemã de Weimar), apesar de ser uma salada ideológica e politicamente eclética, inovou a nomenclatura dos textos anteriores, quando no seu art. 3º, falou em "independentes e coordenados entre si". No entanto, a constituição outorgada de 1937 (da Ditadura Vargas e de cunho fascista), a famosa Polaca, hipertrofiou o Executivo, fazendo desaparecer os demais poderes. Com a queda do Estado Novo em 1945, o País reencontra-se com a sua destinação democrática, aflorando como coroamento do Estado de Direito a Constituição Liberal de 1946, que no seu art. 36, fala em Poderes "independentes e harmônico entre si". A Constituição de 1967 e a Emenda nº 1/69 (do Regime Autoritário de 31/03/1964), consagram formalmente o princípio da harmonia e independência entre os Poderes, porém, superdimencionam as prerrogativas de decisão e mando do Executivo. No Brasil contemporâneo, os Poderes, após substanciais modificações no seu relacionamento triangular, são relativamente, interdependentes. A Constituição Cidadã, como a mais liberal, vanguardista, plural e democrática de todas, agasalhou no seu artigo 2º a sempre atual tripartição do poder estatal defendida por Montesquieu, com seus freios e contrapesos, indeclináveis ao Estado Democrático de Direito, reafirmando a independência e harmonia dos poderes entre si. Os ditos pressupostos são os pilares da República plural e democrática, aliados a, atuação livre, corajosa e responsável do Ministério Público, da imprensa e, internamente, da Advocacia Pública, que representa e defende judicialmente os três poderes constitucionais e instituições como os tribunais de contas, ministério público, autarquias e fundações públicas. O art. 2º da CF/88 significa a divisão de poder, competências e responsabilidades ou a forma com que se relacionam. O grau de importância conferido pela Constituição/88 a cada um é equivalente. Com a predominância, hegemonia ou domínio de um sobre os demais instala-se a tirania, o despotismo, o desequilíbrio democrático, redundando, consequentemente, em caos e anarquia. Na sua acatada obra "Teoria e Prática da Constituição Federal Brasileira", Aureliano Leal pressentiu este fenômeno, quando doutrinou que "entende-se como harmonia, a colaboração dos três Poderes, e independência a faculdade de ação Privativa. Independência e harmonia geram a interdependência que é o conjunto das relações entre eles". Há, efetivamente, mecanismo de interferência e de interpenetração das esferas de competências do Legislativo, do Executivo e do Judiciário, demonstrando a inexistência de paredes doutrinárias que os conservem, como ilhas ou arquipélagos, alheios à realidade constitucional brasileira em vigor. Em termos gerais, o clima institucional até pouco tempo vivido pela Nação permitia um livre funcionamento dos três Poderes, com um amistoso relacionamento e respeito entre eles. Constitucionalmente, é assegurada a íntima conexão entre os Poderes. As suas funções, muitas vezes, são complementares, embora com algumas invasões de áreas. O Executivo, por exemplo, quando indulta o apenado está interferindo num universo da competência do Judiciário, e na do Legislativo ao editar medidas provisórias. O Legislativo, por sua vez, quando rejeita indicações feitas pelo Executivo, está, também, envolvendo-se na seara alheia, assim como exerce parcela da judicatura com a instalação das conhecidas CPI's. Por seu turno, o controle da constitucionalidade das leis, pelo Poder Judiciário, é exemplo típico da interligação entre os poderes constituídos. Entretanto, para tristeza da cidadania, a mídia nacional, tem noticiado, com provas cabais, que, ao invés de independência e respeito, os Poderes Legislativo e Executivo estão protagonizando, por parte de alguns parlamentares e próceres do Executivo, uma verdadeira promiscuidade e orgia, substituindo a independência pela subserviência, num mar de lama sem precedentes, regras, princípios ou o mínimo de respeito aos deveres republicanos.

NOTÍCIAS QUE OS OUTROS PUBLICARÃO AMANHÃ

OJORNALD EHOJE DIRETOR-EDITOR Marcos Aurélio de Sá DIRETOR ADMINISTRATIVO Marcelo Sá DIRETORA DE REDAÇÃO Sylvia Sá

EDITORES Dessana Araújo Élida Mercês João Ricardo Correia EDITOR DE POLÍTICA Túlio Lemos EDITOR DE ESPORTES

w w w . j o r n a l d e h o j e . c o m . b r Gabriel Negreiros EDITORA DE CULTURA Daniela Pacheco EDITOR RESPONSÁVEL / PORTAL JH Wagner Guerra GERENTE COMERCIAL Karina Mandel

ASSINATURA ANUAL Capital: R$ 210,00 Interior (via ônibus): R$ 250,00 Interior e outros Estados (via correios): valor da assinatura + o custo da postagem EXEMPLAR AVULSO R$ 1,00

ASSINATURA SEMESTRAL Capital: R$ 130,00 Interior (via ônibus): R$ 150,00 Interior e outros Estados (via correios): valor da assinatura + o custo da postagem EDIÇÃO ATRASADA R$ 4,00

O JORNAL DE HOJE se reserva o direito de não aceitar informes e material publicitário que infrijam as leis do país e a ética jornalistica. Informações, comentários e opiniões contidos em artigos assinados não possuem, necessariamente, o endosso da Direção. Só é permitida a reprodução de matérias com prévia autorização escrita e com a citação da fonte em destaque

REDAÇÃO E OFICINAS: Rua Dr. José Gonçalves, 687 - Lagoa Nova | Natal - RN - CEP 59056-570 |Brasil - Telefax: (84) 3211-0070 ramal 214 - Assinaturas: (84) 3221-5058 | jornalismo@jornaldehoje.com.br - www.jornaldehoje.com.br Editado e publicado por RN Gráfica e Editora Ltda. http://www.jornaldehoje.com.br - jornaldehoje@digi.com.br - jornaldehoje@uol.com.br - artigos@jornaldehoje.com.br - administracao@jornaldehoje.com.br - jornalismo@jornaldehoje.com.br - assinaturas@jornaldehoje.com.br - comercial@jornaldehoje.com.br


Política

Sexta-feira

Natal, 13 de julho de 2012

O Jornal de HOJE 3

Impugnação da candidatura de Carlos Eduardo é protocolada na Justiça Eleitoral COLIGAÇÕES PARTIDÁRIAS PEDEM INDEFERIMENTO DA CANDIDATURA E DECLARAÇÃO DE INELEGIBILIDADE DO EX-PREFEITO Heracles Dantas

ALEX VIANA REPÓRTER DE POLÍTICA

Representantes das coligações partidárias “Natal Olha pra Frente”, “Transformar Natal I” e “Transformar Natal II” protocolaram esta manhã na 69ª Zona Eleitoral de Natal Ação de Impugnação de Registro de Candidatura contra Carlos Eduardo Nunes Alves, candidato do PDT a prefeito de Natal, e contra a coligação “União por Natal”, que apoia o pedetista. A ação pede à Justiça Eleitoral o indeferimento da candidatura de Carlos Eduardo e a declaração expressa da sua inelegibilidade, com base na Lei Complementar 64/90, que diz que são inelegíveis, para qualquer cargo, os que tiveram suas contas relativas ao exercício de cargos ou funções públicas rejeitadas por irregularidade insanável que configure ato doloso de improbidade administrativa, e por decisão irrecorrível do órgão competente. A ação é assinada pelos advogados André Castro, Marcello Rocha Lopes e Donnie Allison dos Santos Morais. Eles alegam que Carlos Eduardo teve as contas de sua gestão como prefeito de Natal no exercício de 2008 desaprovadas pela Câmara Municipal de Natal, em razão de irregularidades como o saque dos recursos previdenciários; venda da conta única ao Banco do Brasil e utilização dos recursos amealhados sem rubrica orçamen-

Carlos Eduardo Alves teve as contas rejeitadas pela Câmara Municipal de Natal por irregularidade insanável configurado como ato doloso de improbidade administrativa tária; e atos administrativos que, no período entre 5 de julho de 2008 e 31 de dezembro de 2008, aumentaram a folha de pessoal mediante atribuição de gratificações, aumento de carga horária, incorporações, mudança de níveis e enquadramen-

tos publicados no período descrito. Segundo o advogado André Castro, a ação comprova que o julgamento da Câmara se amolda a inelegibilidade do art. 1º, I, "g" da Lei Complementar n.º 64/90, na redação dada pela Lei Complementar n.º Arquivo

André Catro, um dos advogados que assinam a ação: "Jurisprudência pátria encontra-se sedimentada em sentido diverso"

135/2010 (Lei da Ficha Limpa), uma vez que as irregularidades apontadas são insanáveis e constituem ato doloso de improbidade administrativa que causaram prejuízo ao Erário. “O que difere desse óbvio é que a ação noticia que a qualquer momen-

to o Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte pode cassar a decisão que suspendeu a desaprovação das contas e que a própria Justiça Eleitoral pode verificar se o procedimento da Câmara Municipal foi correto ou não para chegar àquele re-

sultado”, esclareceu o advogado. PROCESSOS A petição requer ainda à Justiça Eleitoral que a 3ª Vara da Fazenda Pública de Natal informe a atual situação do processo de n.º 0803315-51.2012.8.20.0001, onde foi exarada a decisão suspensiva, bem como que o Tribunal de Justiça do RN seja oficiado para informar a atual situação dos Agravos de Instrumento n.ºs 2012.009279-4 e 2012.008800-1, que buscam desconstituir tal decisão. No primeiro caso, o juiz que concedeu a liminar em favor de Carlos Eduardo tirou férias e, na segunda situação, o desembargador ainda não se manifestou sobre os recursos da Câmara Municipal de Natal que visam a cassar a liminar da 3ª Vara. A ação de impugnação sustenta a legalidade dos atos da Câmara Municipal de Natal, que, em julgamento, derrubou o parecer do Tribunal de Contas do Estado (TCE) do Rio Grande do Norte (TCE), que aprovava as contas com ressalvas, e desaprovou as contas, apontando a insanabilidade das irregularidades, além de que os fatos analisados se amoldavam aos termos da Lei de Improbidade Administrativa, “o que, sem dúvida”, segundo os advogados que assinam a petição, “atrai a incidência da inelegibilidade versada pelo art. 1º, I, “g”, da LC 64/90, na redação que lhe deu a LC 135/2010”.

Para advogado, decisão da 1ª instância foi “inédita” no país Segundo a ação de impugnação, a decisão do juiz da 3ª Vara da Fazenda de Natal, Geraldo Mota, que suspendeu os efeitos do decreto legislativo nº 1078, é inédita, uma vez que a Jurisprudência do País encontra-se sedimentada em relação ao tema. “A Justiça Comum do Rio Grande do Norte entendeu que o processo da Câmara teria cerceado o direito de defesa do Impugnado pelo simples motivo de que o TCE não teria se manifestado sobre as irregularidades conhecidas e utilizadas pelo Poder Legislativo para desaprovar as contas. Ocorre que,

sem nenhuma crítica à decisão da 3ª Vara da Fazenda Pública desta Capital, a decisão que suspendeu a eficácia da desaprovação das contas do impugnado é inédita, uma vez que a jurisprudência pátria encontra-se sedimentada em sentido diverso”, diz a ação, embasando a argumentação com entendimentos de outros tribunais do país, a exemplo da Apelação Civil nº 17172454 (TJPR) e da Apelação nº 0002481–19.2008.8.26.0498 (TJSP). “Assim, sendo certo que a Câmara Municipal de Natal concedeu

o direito de defesa ao impugnado, a presente ação é viável e necessária, quer pelo caráter transitório da decisão que, hoje, suspendeu os efeitos da desaprovação das contas do impugnado, quer pela amplitude da cognição desta Justiça Especializada que pode e deve analisar a verossimilhança da pretendida desconstituição (que inexiste no caso), o que desde já se requer, como maneira de reconhecer a higidez do decreto da Câmara Municipal de Natal e, assim, aplicar a inelegibilidade ora apontada sem qualquer empecilho”.

"Basta que o TJ derrube a liminar para o ex-prefeito ficar inelegível" Ainda de acordo com a ação, o candidato do PDT está “acometido de inelegibilidade” porque, segundo a Lei Complementar 64/90, são inelegíveis para qualquer cargo os que tiverem suas contas relativas ao exercício de cargos ou funções públicas rejeitadas por irregularidade insanável que configure ato doloso de improbidade administrativa, e por decisão irrecorrível do órgão competente, “salvo se esta houver sido suspensa ou anulada pelo Poder Judiciá-

rio, para as eleições que se realizarem nos 8 (oito) anos seguintes, contados a partir da data da decisão, aplicando-se o disposto no inciso II do art. 71 da Constituição Federal, a todos os ordenadores de despesa, sem exclusão de mandatários que houverem agido nessa condição (Redação dada pela Lei Complementar nº 135, de 2010)” Para André Castro, portanto, basta que o TJ derrube a liminar que garantiu a Carlos Eduardo o direito

de se candidatar para este ficar inelegível por força da norma citada. “A disposição de que se for restabelecida a inelegibilidade, isso terá efeito a qualquer tempo, por conta do artigo 26-C da referida norma, em seu parágrafo segundo, que diz: ‘Mantida a condenação de que derivou a inelegibilidade ou revogada a suspensão liminar mencionada no caput, serão desconstituídos o registro ou o diploma eventualmente concedidos ao recorrente. (Incluído pela Lei

Complementar nº 135, de 2010)’”, diz o advogado. JUSTIÇA ELEITORAL A ação ressalta que a 3ª Vara da Fazenda Pública apenas suspendeu, e não, anulou, os efeitos do decreto legislativo nº 1078/2012, com isso reforçando que, cassada a liminar, estabelece-se a imediata exequibilidade da inelegibilidade. Além disso, o documento solicita que a Justiça Eleitoral verifique em foro

próprio a viabilidade da ação proposta para a finalidade de suspender ou anular a inelegibilidade, “servindo a medida liminar, tão somente, como maneira de demonstrar essa verossimilhança do direito versado na ação anulatória, como já decidido”, completou. “Restando estabelecido que a exigência da obtenção de medida liminar serve à análise da verossimilhança da necessidade de objurgar o édito causador da inelegibilidade, não se

pode, de outro lado, limitar essa análise da Justiça Eleitoral, tão somente, aos termos do dito provimento antecipatório, podendo e devendo esta Justiça Especializada verificar a matéria, uma vez que, iniciado o processo eleitoral, cabe somente à ela analisar os fatos que tenham repercussão no pleito”, conclui a ação. Carlos Eduardo Alves foi procurado, através da sua assessoria jurídica, mas não houve manifestação em relação ao tema abordado.

13 fazendo visita de surpresa na UNICAT, a central de distribuição de medicamentos do RN. Conversou com servidores e clientes, anotou o que viu e ouviu. Depois, as providências.

ameaçam dizer ‘os podres’do outro. E os dois podem falar a verdade.

Túlio Lemos POLÍTICA - TÚLIO LEMOS LIBERDADE O processo aberto pelo Ministério Público contra O Novo Jornal, acusando-o de propaganda eleitoral antecipada, pelo fato do veículo fazer uma reportagem com o então pré-candidato Rogério Marinho, provoca preocupação em relação a liberdade de imprensa. CONCESSÃO Diferentemente das emissoras de rádio e TV, que são concessões públicas e sujeitas às limitações impostas pela legislação eleitoral, os jornais são propriedades privadas, sem tantas amarras e imposições. Por exemplo: se uma emissora de rádio ou TV entrevistar um candidato, terá que fazer isso com todos, dando o mesmo tempo e o mesmo tratamento. No caso dos jornais é diferente; é opcional e não obrigatório.

tuliolemosjh@gmail.com

REPORTAGEM O Novo Jornal fez uma série de reportagens sobre o perfil de cada candidato a prefeito de Natal. Curiosamente, somente no caso de Rogério Marinho é que o MP vislumbrou propaganda. Naturalmente que o MP, sempre defendido pela imprensa livre, com o objetivo de evitar desigualdade no pleito, deve ter passado da conta na avaliação, deixando cheiro de censura no ar, incompatível com as ações do próprio Ministério Público. EXPRESSÃO A liberdade de imprensa e de expressão são pilares inamovíveis da democracia, sem os quais não se faz imprensa livre. Nossa solidariedade a O Novo Jornal, reforçando com a frase do filósofo francês Voltaire: “Posso não concordar com nenhuma das palavras que você diz, mas defenderei até a morte seu direito de dizê-la”.

MACAU O ministro Garibaldi Filho, o deputado Walter Alves e o titular da Sethas, Luís Eduardo Carneiro, foram hoje pela manhã a Macau, onde foram homenageados pela APAC (Associação de Proteção e Assistência aos Condenados), sistema inovador de recuperação e ressocialização de presos, implantado de forma pioneira no RN na Terra das Salinas. HOMENAGEM O ministro Garibaldi Filho está viabilizando junto ao ministro da Justiça e ao Governo Federal, a apresentação do modelo APAC, uma forma inovadora, digna e barata de tratar os apenados; o deputado Walter Alves apresentou projeto que torna a Associação de Utilidade Pública e o secretário Luís Eduardo fez a doação, em regime de comodato, de um prédio da Se-

thas que vai acomodar melhor os apenados de toda a Região. Homenagem mais do que justa. FARTURA O Governo da Paraíba realizou licitação para a residência oficial do governador Ricardo Coutinho. O cardápio do poder é que está provocando ‘furdunço’. Afinal, são 1600 quilos de camarão, 500 quilos de cauda de lagosta e 800 quilos de carne de siri. E AQUI? Por aqui, não se tem notícia do cardápio oficial da Rosa. Sherloquinho tem curiosidade de saber o que e quanto o povo paga para alimentar o casal poderoso e sua trupe. Afinal, é dinheiro público e deve ser do conhecimento de todos. VISITA O secretário de Saúde do Estado, Isaú Gerino, amanheceu a sexta-feira

FAZENDEIRO O prefeito de Assu, Ivan Jr., é criador de gado. Pelo menos é o que diz sua declaração de bens entregue à Justiça Eleitoral. O ex-aliado de Ronaldo Soares tem 30 vacas mestiças de girolando com holandesa e 60 vacas nelore. Os animais estão avaliados em R$ 105 mil. O jovem prefeito tem ainda R$ 15 mil na conta e uma aplicação de R$ 223 mil. ADVERSÁRIO O adversário de Ivan Jr., jovem deputado George Soares, tem pouco mais de R$ 18 mil na conta e algumas propriedades rurais. A campanha em Assu promete ser ‘fervendo’. Afinal, ex-aliado é fogo. Os dois

ALTO DO RODRIGUES No alto do Rodrigues, o prefeito Eider Medeiros não tem o que reclamar de dinheiro. Ele tem R$ 800 mil em aplicações nos bancos. O ex-prefeito e adversário de Eider, Abelardo Rodrigues, também não pode reclamar muito: tem R$ 250 mil no banco. MIPIBU Em São José de Mipibu, Kerinho, o candidato da prefeita Norma Ferreira, é o mais rico. Ele tem um patrimônio de um milhão e 400 mil, 65 reses de gado nelore e R$ 32 mil em dinheiro vivo. Seu principal adversário, Arlindo Dantas, tem patrimônio de quase R$ 500 mil. Lenilson Trigueiro, o Rôda, embora seja comerciante, é completamente liso, declarou não ter nada de patrimônio.


Natal, 13 de julho de 2012

4 O Jornal de HOJE

Walter Gomes DE BRASÍLIA - walgom@uol.com.br

O irrealismo do discurso Ao contrário do antecessor, Dilma Rousseff tem dificuldade para transmitir ideias e propósitos. Embora seja bem mais confiável do que Lula da Silva – em se tratando de promessas, algumas vãs, ele não tem limite –, a claudicante oradora confunde o ouvinte. Ontem, exagerou. Não foi apenas na sequência das frases, na comunicação. A oradora agrediu a realidade. Fez comparações tortas, à parte o patriotismo de palanque.

t t t Segue literalmente o texto-símbolo do pronunciamento da senhora Rousseff: “Uma grande nação deve ser medida por aquilo que faz a uma criança e a um adolescente. Não é o PIB, mas a capacidade do país, do governo e da sociedade de proteger o que é o seu presente e o seu futuro.”

t t t Caso seja aceita a desqualificação do Produto Interno Bruto – enfim, trata-se de um ponto de vista –, a Presidente louvou o que inexiste ou é mal produzido. Antes, convém dizer que o governo Rousseff não é o culpado pelas mazelas da educação e da saúde no Brasil. Vem de longe essa situação perversa. Mas o que tem sido feito desde janeiro de 2011, quando assumiu o poder, é pouco, muito pouco mesmo.

t t t Portanto, se a República Surrealista dos Trópicos for avaliada pelas políticas de educação e saúde para as crianças e os adolescentes, o mandato presidencial da mineira-gaúcha está reprovado.

Teste nas ruas Campanha a pé do candidato petista à prefeitura paulistana. Anunciado por um locutor de boa voz, o ex-ministro da Educação aproxima-se, sorriso aberto, e apresenta-se ao passante: “Meu nome é Fernando Haddad. Gostaria de receber o seu voto.”

t t t O comitê organizador das caminhadas aguarda os números das próximas pesquisas de Datafolha e do Ibope.

Troca de parceiro Aécio Neves (foto) prepara-se para a guerra eleitoral de 2014. O senador tucano tenta ampliar a interlocução com o PMDB, sigla da base palaciana tratada com reservas por Dilma Rousseff. Uma ponte é Henrique Eduardo Alves, líder da bancada do peemedebê na Câmara dos Deputados. t

t

t

Neves, mineiro atento apesar de atarantado, trabalha com a hipótese de Dilma Rousseff trocar o peemedebista paulista Michel Temer, seu vice, pelo governador de Pernambuco e presidente nacional do PSB, Eduardo Campos.

LEITURA DINÂMICA w Em quatro capitais de referência, PSB e PT romperam a aliança para a eleição de outubro. Fortaleza e Recife, no Nordeste; Belo Horizonte e São Paulo, no Sudeste. w O ex-senador Demóstenes Torres reassumiu ontem à tarde, em Goiânia, o cargo de procurador de Justiça do Ministério Público de Goiás. w Chega às livrarias em outubro – data indeterminada – Marighella, o guerrilheiro que incendiou o mundo. Autor: Mário Magalhães, jornalista carioca de 48 anos. Um detalhe a respeito do guerrilheiro: ele também fazia versos. w Após dois meses em trâmite na Câmara, Afonso Florence (PT-BA) deu parecer favorável ao projeto (aprovado pelos senadores) que extingue os 14º e o 15º salários dos parlamentares. A apreciação no plenário fica para depois das eleições, conforme previsão do relator. w Nelson Pellegrino, candidato do PT a prefeito de Salvador, abre vaga na Câma-

ra Federal. Com a licença dele, assume Emiliano José, companheiro de partido. w Dilma Rousseff comunicou a Michel Temer que o PT vai cumprir o acordo para apoiar a candidatura de um peemedebista para presidente da Câmara. A eleição será na primeira semana de fevereiro do próximo ano. O potiguar Henrique Eduardo Alves é o nome da preferência da cúpula do PMDB. w Kátia Abreu (PSD-TO), senadora-presidente da Confederação da Agricultura e da Pecuária do Brasil, é assediada pelo PMDB. Antes do peessedê, ela foi do PFL (hoje, DEM). w Recém-criado, o PEN (Partido Ecológico Nacional) caça deputados insatisfeitos nas legendas onde estão inscritos. Oito têm demonstrado interesse na mudança de bandeira. w Para refletir: “A prosperidade prontamente descobre o vício; mas a adversidade logo descobre a virtude” (Francis Bacon, ensaísta, filósofo e político inglês).

Política

Sexta-feira

Renovação na Câmara de Natal pode chegar a 50 por cento VEREADOR RANIERE BARBOSA (PRB) ESCLARECE QUE AUMENTO DO NÚMERO DE VEREADORES NÃO PROVOCA MAIS DESPESAS, JÁ QUE REPASSE CONTINUA O MESMO Arquivo

JOAQUIM PINHEIRO REPÓRTER DE POLÍTICA

A renovação na Câmara Municipal de Natal deverá ser superior a 50 por cento em razão do aumento do aumento de vagas que passará de 21 para 29 e das vagas dos vereadores Dickson Nasser (PSB) e Heráclito Noé (PR), que não disputarão a reeleição. É o que acreditam vereadores de Natal que foram ouvidos pela reportagem d ´O JORNAL de HOJE sobre a decisão da Mesa Diretora anterior que decidiu, cumprindo a Constituição Federal e baseada no crescimento da população, aumentar o número de vereadores na capital. Atualmente, 11 partidos formam a representação popular na Câmara Municipal de Natal. São eles: PRB, PC do B, PR, DEM, PSB, PT, PDT, PMDB, PV, PHS e PP. O vereador Raniere Barbosa, do PRB, esclarece que o aumento do número de vagas acontece em função do aumento do número de habitantes, segundo recomenda a Constituição Federal, e no seu entendimento, salutar dentro do processo de aprimoramento e consolidação

Raniere, vereador do PRB, ressaltra importancia do aumento da representatividade da democracia brasileira. “O PRB está motivado para ampliar sua representatividade para 2 vereadores e para isso estabeleceu uma forte nominata de 25 candidatos da coligação denominada União por Natal, formada por PC do B, PPS, PSD, PPL e PT do B, que no total trabalha para eleger 4 parlamentares”, estima o líder oposicionista, anuncian-

do que está aproveitando o recesso parlamentar para visitar os bairros de Natal e conversar com a população para tomar conhecimento das suas carências e demandas visando a formulação de novas propostas para os trabalhos legislativos do segundo semestre. Na volta aos trabalhos legislativos no dia 1º de agosto, o vereador

do PRB disse que pretende encaminhar requerimento ao plenário da Câmara Municipal solicitando anulação da licitação da Urbana, que segundo ele, a atual proposta pela companhia não está de acordo com o orçamento destinado para 2013. “O município está sendo irresponsável quando lança uma licitação no valor de 165 milhões de reais sem ter orçamento financeiro para honrar esse compromisso”, ressalta o vereador oposicionista. AUMENTO DA REPRESENTATIVIDADE Raniere Barbosa destaca a importância do aumento do número de vereadores em Natal como forma de melhorar a representatividade no legislativo municipal oferecendo à população uma pluralidade partidária e consequentemente maior participação da sociedade natalense na vida político/administrativa da cidade. “Acredito que a renovação para os que têm mandato será de 20 por cento e de 30 por cento para os novatos, perfazendo um total de 50 por cento de renovação a partir do próximo ano”, prevê o vereador do PRB.

Maurício Gurgel é contra aumento de vagas O vereador Maurício Gurgel, do PHS, que constituiu-se na surpresa da última eleição quando era um desconhecido do eleitorado natalense e elegeu-se com 4.197 votos, acredita que haverá renovação em razão das novas vagas que serão oferecidas aos postulantes sem mandato, mas com relação aos atuais vereadores ele acredita que a mudança não será significativa. Maurício Gurgel, entretanto, mostra-se contrário ao aumento do número de vagas dos vereadores, segundo ele, mesmo não havendo aumento de despesas. No seu entendimento, a Câmara Municipal de Natal funciona bem com os 21 vereadores existentes no momento. Ele lembra que no caso de Natal a PEC dos vereadores recomendou que o aumento seria de até 29 vereadores, mas a Mesa Diretora anterior decidiu aumentar 9 vagas. “Poderia ter sido 2, 3, 4 vagas, mas optaram pelas 9”, observa. Com uma nominata de 50 candidatos, o PHS do vereador Maurício Gurgel pretende também ampliar o número de representantes na Câmara Municipal de Natal. Para que isso ocorra ele disse que o partido está mobilizando a militância e convidou bons nomes para compor a relação de candidatos. Entre eles, destaque para profissionais liberais, tra-

balhadores e empresários. Cita como exemplo as candidaturas do radialista Rô Medeiros, o policial civil Flávio Caldas, o veterinário Breno Camacho e a policial militar Sargento Andreia. REELEIÇÃO Candidato à reeleição, Maurício Gurgel disse que no seu primeiro mandato pautou sua atuação elaborando projetos de cunho social. Ele destaca, por exemplo, uma Audiência Pública realizada para discutir o problema dos moradores de rua de Natal, cujo resultado foi a construção de um albergue que está atenden-

do mais de 60 moradores de rua com alimentação, dormida e assistência psicológica, além de cursos profissionalizantes para entrada no mercado de trabalho. Outro projeto citado pelo vereador do PHS permitiu a criação de intérprete para portadores de necessidades especiais auditivas na TV Câmara e obrigatoriedade de banheiros nas agências bancárias. “Acredito que cumpri minhas obrigações no nosso primeiro mandato que considero propositivo e por isso tenha correspondido às expectativas da população”, concluiu o vereador, que tentará se reeleger nas eleições deste ano. (JP)

Wellington Rocha

Vereador Maurício Gurgel tenta reeleição

Ex-deputados e ex-vereadores tentam retornar à Câmara Municipal de Natal Na eleição deste ano, novos nomes fortes eleitoralmente serão apresentados ao eleitorado na condição de candidatos a vereador em Natal, mesmo sendo alguns já conhecidos do natalense por terem exercido mandato eletivo como deputado estadual e vereador. Entre eles, destaque para o vice-prefeito de Natal, Paulinho Freire, presidente do PP es-

tadual, que será candidato a vereador, após ter sido vereador e presidente da Câmara Municipal e deputado estadual. Luiz Almir, que também foi vereador e deputado estadual. Outro que participará das eleições municipais na condição de candidato a vereador é o ex-deputado estadual e ex-vereador Wober Júnior, presidente do PPS estadual. Wober foi

também secretário de Educação e secretário chefe do Gabinete Civil nos governos da professora Wilma de Faria. Desportista dos mais identificados com a população natalense, Rui Barbosa, ex-deputado estadual e ex-presidente da Federação Norterio-grandense de Futebol e do ABC Futebol Clube, também disputará mandato de vereador pelo PRB. (JP)


Política

Sexta-feira

Natal, 13 de julho de 2012

O Jornal de HOJE 5

Presidente do TSE confirma Força Federal no RN e garante que Ficha Limpa será aplicada com rigor EM VISITA AO TRE, MINISTRA CÁRMEN LÚCIA RELEVA PEDIDO FEITO POR ZONAS ELEITORAIS PARA REFORÇO DA SEGURANÇA Heracles Dantas

CIRO MARQUES REPÓRTER DE POLÍTICA

As eleições municipais deste ano vão ser quentes, apaixonadas. Assim previu a ministra Cármen Lúcia, presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), que na manhã desta sexta-feira visitou o Tribunal Regional Eleitoral (TRE/RN) para falar com os juízes eleitorais do Estado. Por sinal, a previsão é que o clima seja tão quente que a ministra confirmou até a necessidade de reforço na segurança feito por forças federais na eleição potiguar. Em relação a Ficha Limpa, a comandante da Justiça Eleitoral no País, reforçou a importância de sua aplicação para moralizar o pleito: “Cabe a Justiça Eleitoral aplicar a Lei da Ficha Limpa com rigor e ao Ministério Público Eleitoral e outros órgãos de fiscalização fazerem com que ela tenha efetividade social, que ela se reflita em mudanças para a população”. Cármen Lúcia também falou a respeito do clima de animosidade que impera na disputa: “As eleições municipais são muito mais apaixonadas que as eleições gerais (para presidente e deputados). Sabemos como é o clima em cidades do interior. Pessoas que falam ‘o outro lado’, mas não pronunciam o nome do partido adversário. Sobre isso, já temos o conhecimento que alguns juízes fizeram pedidos para a presença de forças federais para garantir a segurança não deles, mas dos eleitores, evitando conflitos durante a eleição”, afirmou a ministra. A presidente do TSE não revelou quais foram os municípios que fizeram esses pedidos de reforço na segurança, mas sabe que, até o momento, foram três zonas que solicitaram. “Vamos fazer de tudo para que as eleições ocorram sem graves ocorrências. Nada contra o

Cármen Lúcia falou para os juízes eleitorais ao lado do presidente do TRE/RN, Saraiva Sobrinho: “Foi importante para que magistrados conheçam o estilo dela” direito será permitido”, acrescentou. Além disso, Cármen Lúcia também comentou as mudanças previstas para as eleições deste ano, a primeira com efetiva aplicação da Lei da Ficha Limpa. “Já são mais de 570 mil candidatos registrados que vão participar de eleições diferentes neste ano, com uma nova legislação em vigor, que é justamente a Lei da Ficha Limpa, e também o acesso a novas mídias sociais”. Para auxiliar candidatos, juízes

“Somos craques, temos uma capacidade incrível de fazer ótimas leis, mas não de dar aplicabilidade a elas”, CÁRMEN LÚCIA

e eleitores com relação às mudanças, a ministra afirmou que, até o final do mês, deve ser inaugurado

o novo site do TSE. “No novo portal, os juízes poderão ter acesso a jurisprudências e fazer questiona-

mentos sobre como proceder em certos casos. A intenção é nos aproximar do magistrado e garantir a aplicação efetiva da legislação”. Com relação a essa Legislação, por sinal, a ministra Cármen Lúcia também não poupou críticas. Alias, não à Legislação em sim, mas sim ao Poder Legislativo. “Somos craques, temos uma capacidade incrível de fazer ótimas leis, mas não em dar aplicabilidade a elas”, avaliou. Em seguida, Cármen Lúcia

acrescentou que o problema não é do Poder Judiciário, a quem ela vê certa descrença por parte da população. “As pessoas colocam os Tribunais de Justiça como um dos órgãos mais confiáveis, mas não é assim com o Judiciário, mesmo os juízes sendo basicamente os mesmos. As pessoas não sabem que o erro não está no Judiciário. O erro está num Poder Legislativo que permite recursos infundados. O erro está no excesso de processos, muitos sobre questões que poderiam ser resolvidas sem a necessidade da via jurídica”, afirmou a ministra. Mesmo diante desse quadro, Cármen Lúcia reafirmou a importância do Judiciário e dos Tribunais Eleitorais para garantir que a Ficha Limpa, “uma solicitação das pessoas que se tornou Lei”, conforme lembrou a presidente do TSE, seja realmente aplicada e se reflita em mudanças sociais para a população. ESTILO CÁRMEN LÚCIA Econômico nas palavras, o presidente do Tribunal Regional Eleitoral (TRE/RN), Saraiva Sobrinho, também falou sobre a visita da ministra Cármen Lúcia à Natal. Segundo ele, a reunião entre juízes e ministra foi fundamental para que os magistrados potiguares conhecessem “o estilo Cármen Lúcia e a forma séria como a qual o TSE vai ser conduzido com ela na presidência”. Sobre esse estilo, a própria Cármen Lúcia também comentou, mas enfatizando a forma com a qual o TSE que se aproximar dos tribunais regionais. “Queremos mostrar que não estamos pendurados em gabinetes em Brasília desconhecendo qualquer dificuldade pelas quais os TREs passam. Queremos essa aproximação para ajudar na busca de solução de problemas”.

No último dia para impugnação de candidaturas, procurador eleitoral lamenta “falha na legislação” A Legislação Eleitoral melhorou, mas ainda é falha, pelo menos, em um aspecto, segundo o procurador-regional eleitoral, Paulo Sérgio Rocha. Presente na visita da presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Cármen Lúcia, ao Tribunal Regional Eleitoral (TRE/RN), na manhã desta sextafeira, o procurador lamentou o fato de ser impossível de retirar candidaturas daqueles que passam por este período de impugnação defendidos por liminares. “É uma falha da Legislação. Se a liminar for derrubada lá na frente, deveria ser possível o pedido de impugnação de candidatura”, avaliou o procurador. O motivo de insatisfação não é para menos. Depois da publicação do registro de candidaturas, o Ministério Público Eleitoral (MPE) tem cinco dias para realizar o pedido de impugnação de candidaturas. Neste caso, como a maioria dos registros foi publicada na segunda-feira, os promotores eleitorais têm até esta sexta-feira para fazer as solicitações para barrar candidaturas dos “fichas sujas”. Contudo, aqueles que conseguiram liminares na Justiça comum que anulam as decisões que os tornaram “fichas sujas” como, por exemplo, nos tribunais de contas, e passaram por esse período de impugnação sem perdêla, estão garantidos na campanha. “Isso porque se um dos requisitos da Ficha Limpa é que ela se aplica a quem tenha sofrido condenações em colegiados, o outro requisito é que essas decisões não podem estar suspensas ou serem anuladas pela Justiça”, explicou Paulo Sérgio Rocha. Por isso, o que o procurador defende é que, caso a liminar venha a ser derrubada, mesmo que depois desse período previsto para o pedido de impugnação, pudesse ser feito uma solicitação para que a candidatura fosse suspensa. “Deveria ser condicionado à existência da liminar”, acrescentou.

Heracles Dantas

PRINCIPAIS ARTIGOS DA FICHA LIMPA "São inelegíveis para qualquer cargo os que tiverem suas contas relativas ao exercício de cargos ou funções públicas rejeitadas por irregularidade insanável que configure ato doloso de improbidade administrativa, e por decisão irrecorrível do órgão competente, salvo se esta houver sido suspensa ou anulada pelo Poder Judiciário, para as eleições que se realizarem nos 8 (oito) anos seguintes, contados a partir da data da decisão, aplicando-se o disposto no inciso II do art. 71 da Constituição Federal, a todos os ordenadores de despesa, sem exclusão de mandatários que houverem agido nessa condição". "São inelegíveis para qualquer cargo os que forem condenados à suspensão dos direitos políticos, em decisão transitada em julgado ou proferida por órgão judicial colegiado, por ato doloso de improbidade administrativa que importe lesão ao patrimônio público e enriquecimento ilícito, desde a condenação ou o trânsito em julgado até o transcurso do prazo de 8 (oito) anos após o cumprimento da pena". "São inelegíveis para qualquer cargo os que forem demitidos do serviço público em decorrência de processo administrativo ou judicial, pelo prazo de 8 (oito) anos, contado da decisão, salvo se o ato houver sido suspenso ou anulado pelo Poder Judiciário". Procurador eleitoral Paulo Sérgio esteve presente na visita de Cármen Lúcia De qualquer forma, apesar da legislação ser “falha” nesse aspecto, é importante ressaltar, conforme apontou o procurador, que a concessão de liminar não chega a oferecer uma mudança tão grande no cenário das eleições municipais deste ano. Pelo menos, não aqui no Estado. Visto que foram poucos os candidatos que conseguiram na Justiça a suspensão de suas condenações. “Daquelas listas que publicamos (no site da PRE, com mais de mil nomes), foram vários os casos de pessoas que se registraram como candidatas e que buscaram a Justiça uma liminar para suspender as condenações, mas não conseguiram. Temos o conhecimento de apenas sete ou oito casos, o que mostra que as decisões nos tribunais de contas, por exemplo, seguiram sim o trâmite legal de um processo, com direito a ampla defesa e tudo mais”, avaliou o procurador. A ministra Cármen Lúcia tam-

“Temos conhecimento de apenas sete ou oito casos de candidatos que conseguiram liminar”, PAULO SÉRGIO ROCHA

“Não é tão fácil conseguir liminar na Justiça. São casos previstos e resumidos”, CÁRMEN LÚCIA

bém fez questão de levantar esse aspecto, revelando que até para a concessão de liminares está exigindo um rigor maior. “Não é tão fácil

conseguir liminar na Justiça. São casos previstos e resumidos. Por isso, não acredito que a possibilidade da liminar diminui de alguma

forma a aplicação da Ficha Limpa”, avaliou. Por sinal, é importante lembrar que apenas uma liminar na Justiça é garantia que as candidaturas registradas não vão passar por pedidos de impugnação. Afinal, apesar de ser necessário a caracterização de dolo ou má fé no ato de improbidade administrativa, em muitos casos, conforme o procurador avaliou, as condenações já contemplaram isso. “As listagens divulgadas já são de processos passíveis dessa condição, apesar da avaliação final ser feita apenas pela Justiça Eleitoral”. Vale lembrar que depois do período de impugnação, que pode ser feito tanto pela PRE, quanto pelo MPE ou pelas coligações adversárias, os candidatos que tiveram seus registros ameaçados, têm direito a se defender e um prazo de sete dias para isso. Em seguida, o caso é analisado pela Justiça Eleitoral e, em aproximadamente 20

dias, dá um parecer sobre o caso. “Ainda não temos números oficiais sobre o número de impugnações, mas temos a certeza que tudo que estava ao nosso alcance fazer, foi feito”, acrescentou o procurador. SUSTENTADOS POR LIMINAR Entre os, considerados pelo procurador, "poucos" que conseguiram a liminar na Justiça Comum para se candidatar nestas eleições, estão o ex-prefeito de Natal, Carlos Eduardo Alves, do PDT, a ex-prefeita de Ceará-Mirim, Edinólia Melo, e o ex-prefeito de Macaíba, Fernando Cunha, do PMN. No caso de Carlos Eduardo, pelo menos, a liminar é o fato que está garantindo (e deve garantir) a candidatura dele. Afinal, é necessário que também a condenação tenha apontado dolo ou má fé e, pelo menos na que ele sofreu na Câmara Municipal de Natal, esses dois aspectos foram colocados no texto do relatório aprovado administrativamente pela Casa dos vereadores. PEDIDOS JÁ DIVULGADOS O procurador-regional eleitoral Paulo Sérgio Rocha ainda não sabe precisar o número de pedidos de impugnação que foram feitos até o momento. Mas pelo menos dois já foram noticiados pelo Ministério Público Eleitoral: a do prefeito de Barcelona, Carlos Zamith de Souza, candidato a reeleição, e a do vice-prefeito de Monte Alegre, Solon Ubarana da Silva. De acordo com o MP, os dois candidatos tiveram contas rejeitadas pelo Tribunal de Contas do Estado, em razão de irregularidades insanáveis que configuraram atos dolosos de improbidade administrativa. Em razão disso, incidem em causa de inelegibilidade prevista na Lei da Ficha Limpa (art. 1º, inciso I, alínea “g” da Lei Complementar nº 64/90, com redação conferida pela Lei Complementar nº 135/2012).(CM)


6 O Jornal de HOJE

Natal, 13 de julho de 2012

Cidade

Sexta-feira

Audiência marca instalação do Comitê da Verdade RESGATE

E PUBLICIDADE DA HISTÓRIA POTIGUAR NO PERÍODO DA REPRESSÃO É O OBJETIVO DESTA INICIATIVA

FERNANDA SOUZA FERNANDASOUZAJH@GMAIL.COM

O Comitê Estadual pela Verdade, Memória e Justiça, além da Comissão Municipal da Verdade de Natal, de autoria da vereadora Sargento Regina, proposta pelo Vereador George Câmara em articulação com o Centro de Direitos Humanos e Memória Popular e Comissão Legislativa de Direitos Humanos da Câmara Municipal, foi criado hoje no Rio Grande do Norte. O lançamento, que teve formato de audiência pública, foi realizado nesta manhã na Câmara Municipal de Natal, e contou com a presença de representantes de Movimentos Sociais e Entidades de Mortos, Desaparecidos e Anistiados e Associação dos Anistiados Políticos do RN. "O foco do comitê é o conhecimento, que será buscado através de documentos, depoimentos orais, possibilitando resgatar a verdade e a memória do período da repressão. Se nossos filhos não souberem de um passado, como as atrocidades do Vietnã, por exemplo, que é algo recente, como vão evitar?", questionou o vereador George Câmara.

Já o presidente do Comitê pela Verdade, Memória e Justiça do Rio Grande do Norte, Antônio Capistrano, destacou a importância do trabalho do comitê. "É uma responsabilidade grande e um tema de grande importância para nossa história. O Brasil tem um histórico terrível em torturas, prisões e desparecimentos não só depois do Golpe de 64". De acordo com Roberto Monte, coordenador do Centro de Direitos Humanos e Memória Popular, já existem 50 Comissões Nacionais pela Verdade, Memória e Justiça, em todo o País e já foram criadas 40 mundialmente, cada uma com duração de dois anos. "A Comissão trabalha com o período entre 1946 e 1988, com tudo que aconteceu no Brasil na área, e também entre os anos de 64 a 85, época da ditadura. O Comitê terá uma sistemática de encontros uma vez por mês, atividades de rua, elaboração de relatórios e também vamos atuar nas escolas, universidades para criar um fluxo de informações. Também criaremos subcomitês de Memória e História, Parte Jurídica, Divulgação e Educação e publicaremos os principais documentos de repressão", disse.

Roberto Monte enfatizou que o comitê tem um caráter educativo, e que é preciso que a população saiba sobre o que aconteceu na época da repressão. "Estamos fazendo a relação de todos os que foram mortos, desaparecidos e torturados, e já estamos em 300 nomes. A Base Aérea de Natal, que todos conhecem como Trampolim da Vitória, foi um verdadeiro campo de concentração, poucos sabem que nos anos entre 1952 e 1953 foram 153 dias de tortura". Já o coordenador do Projeto Memória e Verdade da Secretaria de Direitos Humanos do Governo Federal, Gilney Viana, explicou que o principal pilar do projeto é fazer com que os Estados tenham o poder de recuperar a memória da época da repressão. "Temos uma relação de 507 casos e só 475 foram reconhecidos oficialmente e temos 71 mil casos de requerimentos à Comissão de Anistia. Desta forma, possuímos um grande banco de dados para resgatar a história e temos um trabalho de estimular a criação de comissões estaduais e oferecer subsídios para a execução do trabalho. O elemento memória é estratégico e vamos recuperá-lo. Estou com uma expectativa grande em relação à comissão do Rio Grande do Norte".

Wellington Rocha

Gilney Viana ainda explanou que os Comitês têm o papel de resgatar os arquivos oficiais de repressão e incentivar pesquisas históricas nas universidades. "Queremos ter uma verdade pública e precisamos levar para as escolas e universidades o tema para debates, palestras, seminários, com o objetivo de formar um ambiente político público que facilite a busca da verdade". PROGRAMAÇÃO Dentro da programação de lançamento do Comitê pela Verdade, Memória e Justiça do Rio Grande do Norte será realizado no final da tarde de hoje no Auditório do IFRN da Cidade Alta, um debate sobre o tema. A atividade busca reunir os Movimentos Sociais e Entidades de Mortos, Desaparecidos e Anistiados na construção e articulação do Comitê Estadual da Verdade. Esta á a primeira da série de reuniões a ser realizadas pelo Comitê. Na ocasião, Gilney Viana, coordenador do Projeto Memória e Verdade da Secretaria de Direitos Humanos do Governo Federal, irá apresentar uma pesquisa sobre o caso de 1.200 camponeses que forma mortos e assassinados entre os anos de 1961 e 1988. Segundo o coordena-

Representante da Secretaria de Direitos Humanos do Governo Federal, Gilney Viana dor, destes, 658 eram sindicalistas e líderes coletivos, mas apenas 39 casos foram reconhecidos, ficando

os outros 612 casos excluídos de direito à memória e reparação moral e material aos familiares.

> SUDENE

Conselho debate ações emergenciais para o NE Debater os efeitos da seca no Nordeste, a prorrogação de incentivos fiscais, exposições sobre a malha aérea regional e Zonas de Processamento de Exportações (ZPEs) e cenários macroeconômicos do Nordeste são alguns dos principais objetivos da 15ª reunião Ordinária do Conselho Deliberativo da Superintendência do Desenvolvimento do Nordeste (Condel/Sudene). O evento está sendo realizado na manhã desta sextafeira no Centro de Eventos do Ceará e está sendo presidido pela primeira vez pelo novo superintendente da Sudene, Luiz Gonzaga Paes Landim. Governadores de toda a área de influência da Sudene - que inclui os nove estados do Nordeste mais Espírito Santo e Minas Gerais - estão em Fortaleza para participar da reunião. Ao chegar ao local do evento, a governadora do RN, Rosalba Ciarlini, falou sobre os pleitos do Estado. "Além das medidas emergenciais estamos pleiteando ajustes ao plano de en-

frentamento aos efeitos da seca anunciado recentemente em Recife", disse a governadora. Para a governadora Rosalba Ciarlini, o debate de projetos macros como Zonas de Processamento de Exportação - ZPEs e malha aérea regional dão destaque ao Rio Grande do Norte. Nestas áreas de interesse, a chefe do Executivo Estadual cita a experiência com as ZPEs, de Macaíba e Assú (Sertão), que estão sendo implantadas no Estado e a recuperação dos aeródromos potiguares promovida na atual gestão. No tocante aos incentivos fiscais, serão discutidas duas proposições relacionadas ao Fundo Constitucional de Financiamento do Nordeste (FNE), que devem vigorar ainda neste ano. A primeira diz respeito à elevação do limite destinado ao financiamento de empresas de grande porte, que pode passar de 20% para 30% dos recursos do Fundo. A segunda refere-se à adequação da programação do FNE em função do programa

Divulgação

Rosalba Ciarlini afirma que projetos como ZPE e malha aérea são destaques para o RN

> COSEMS

Gestores municipais debatem Planejamento Estratégico da Saúde Pública no Estado Secretários municipais de Saúde e técnicos da Região Metropolitana estão reunidos hoje (13) e sábado (14) para debater o planejamento estratégico das ações em saúde. Em parceria com a Secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap), os gestores participam do curso "Diálogo Temático - Ciclo do Planejamento Estratégico e Participativo em Saúde do RN", promovido pelo Conselho das Secretarias Municipais de Saúde do RN (Cosems/RN), no hotel Praiamar, em Natal. O objetivo é contribuir com o fortalecimento do Sistema de Planejamento do SUS, oferecendo a oportunidade de os profissionais potiguares trocarem experiências singulares. A presidente do Cosems/RN, Solane Costa, fez a abertura do curso e enfatizou os benefícios da troca de experiências entre os participantes. "Sempre buscamos oferecer essas oportunidades de aprendizado e o curso vem para estimular os profissionais que fazem o SUS no RN a reforçar o empenho e garantir uma gestão efetiva da saúde em nosso Estado, independentemente da região", declarou. Dentre as questões abordadas, estão sendo discutidos os desafios de formular e utilizar os instrumentos de gestão (Plano de Saúde, Programação Anual de Saúde e Relatório Anual de Saúde), inseridos no novo contexto delineado pelo Decreto nº

Divulgação

Presidente do Cosems, Solane Costa, ressalta que debate visa fortalecer o SUS 7.508/2011, que regulamentou a Lei Orgânica da Saúde (Lei nº 8.080/1990). A secretária executiva do Cosems/RN, Terezinha Rego, iniciou as apresentações do curso, elencando os desafios atuais na gestão do SUS: alcançar maior eficiência, efetividade e qualidade do sistema, de acordo com as necessidades da população. "Precisamos garantir acesso de qualidade em tempo oportuno, inovar

nos processos e instrumentos de gestão e superar as fragmentação das políticas de saúde. Em outras palavras, é preciso articular novo pacto federativo que fortaleça os vínculos interfederativos necessários à consolidação do SUS", enfatizou. Terezinha Rego lembrou ainda que o Decreto nº 7.508/2011, que regulamenta a Lei nº 8.080/1990, cria regiões de saúde para integrar a organização, o planejamen-

to e a execução de ações e serviços de saúde. "Não é possível trabalhar equidade se não trabalharmos em cima da situação econômica de cada região. Identificar as necessidades dos municípios vai além do indicador per capita, é preciso conhecer o perfil da população usuária das ações e serviços de saúde. É por isso que diversos estados estão revendo o Plano Diretor de Regionalização (PDR) para redistribuir as regiões de saúde", alertou. A programação de hoje ainda inclui discussão sobre o "Plano de Saúde: estrutura básica", em que serão divididos grupos para discutir o conceito de metas e indicadores, a composição do Plano de Saúde, com análise situacional e formação de objetivos, diretrizes e metas. No sábado, os grupos apresentarão suas análises pela manhã, incluindo uma programação anual e as linhas básicas da composição e, à tarde, será realizada uma atividade em grupo, em que será escolhida uma meta para trabalhar a programação anual. Ao final do evento, será elaborada uma agenda regionalizada de compromissos para o RN. Novos grupos de profissionais que atuam nas secretarias de saúde de todo o RN irão participar dessa capacitação que ocorrerá por região de saúde até o final de agosto. O curso conta com 16 horas de aulas e, em breve, será divulgado o calendário para as demais regiões.

emergencial para estiagem. Estão previstas também deliberações sobre diretrizes e prioridades a serem observadas na programação do FNE para 2013. Durante o evento, o superintendente da Sudene, Luiz Gonzaga Paes Landim, fará uma análise sobre a situação macroeconômica do Nordeste e falará sobre os desafios do futuro. Flávio Sabóia, da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA), abordará os efeitos da medida do Governo Federal na ampliação da oferta de milho, entre outras questões ligadas à produção agropecuária. A respeito dos efeitos da seca no Nordeste, o presidente do Banco do Nordeste, Paulo Ferraro, ressalta que o Condel já reservou R$ 1 bilhão em recursos do FNE para financiamento aos atingidos pela estiagem. "Toda a equipe do Banco do Nordeste está empenhada para que esses recursos cheguem o quanto antes a quem precisa, de modo que os produtores nordestinos possam minimizar

suas perdas e desenvolver da melhor maneira suas atividades", ressaltou Paulo Ferraro. O evento será marcado, ainda, pela assinatura de 'Termo de Acordo' com a Unicef, referente a enchentes e outras catástrofes naturais. O Condel se reúne quatro vezes por ano e esta é a segunda deste ano. Ao todo são 25 conselheiros, que têm como presidente o ministro da Integração Nacional, Fernando Bezerra. Também está prevista a participação do presidente do Banco do Nordeste (BNB), a Confederação Nacional do Comércio, a Confederação Nacional de Trabalhadores na Indústria, a Associação Brasileira de Municípios, a Confederação Nacional de Municípios, a Frente Nacional de Prefeitos, a Confederação Nacional dos Trabalhadores no Comércio, a Confederação Nacional da Agricultura e Pecuária, a Confederação Nacional da Indústria e a Confederação Nacional dos Trabalhadores na Agricultura.


8 O Jornal de HOJE

Natal, 13 de julho de 2012

Cidade

Sexta-feira

Chuva de 80 mm é suficiente para resultar em diversos pontos de alagamentos na capital SEGUNDO A DEFESA CIVIL, APESAR DOS TRANSTORNOS NO TRÂNSITO, NÃO HOUVE REGISTRO DE OCORRÊNCIAS GRAVES JULIANA MANZANO JULIANA.MANZANO@HOTMAIL.COM

A chuva começou a cair na capital por voltas das 13 horas de ontem e prosseguiu constante até o meio desta manhã. Durante este período, a Empresa de Pesquisa Agropecuária do RN (Emparn) registrou 80 milímetros de precipitação pluviométrica até às 9 horas de hoje. A previsão é de que o tempo continue instável com pancadas de chuvas isoladas nos períodos da manhã e noite e temperaturas baixas com a mínima de 20°C e máxima de 26°C. A Defesa Civil Municipal registrou pontos de alagamentos nas quatro regiões da capital, porém, não há informações de desabamentos nem ocorrências graves, segundo o coordenador Irimar Matos. Entre os pontos de alagamentos já conhecidos está a rua Dr. José Gonçalves, no bairro de Lagoa Nova. O trecho da via que cruza com a rua Poty Nóbrega alagou mais uma vez e três veículos ficaram quase imersos. De acordo com o Cabo Pereira, do Corpo de Bombeiros, que atendeu a ocorrência, os veículos 'morreram' por falta de atenção dos motoristas. "Eles não observaram o local e não imaginaram a altura da água. Então, entraram achando que dava para atravessar a lagoa que se formou", diz o bombeiro sobre os veículos de modelo Prisma de placas NNV5949 e Tracker de placas MYP5534. O mesmo problema também aconteceu com um Vitara de placas JPG 4976, mas este foi retirado da água por populares. No conjunto de Cidade Satélite, a avenida dos Xavantes também enfrenta um problema sério e que persiste há cerca de 20 anos. Quando a chuva começa, rapidamente a rua inunda e os morado-

res sentem-se ilhados. A maioria das casas desta avenida possuem, inclusive, muretas de proteção nas portas para evitar a invasão da água no interior da residência. Nesta manhã, um caminhão baú 'pifou' ao tentar atravessar a área inundada. Segundo o polidor Hélio Vieira, moradores tentaram avisar do problema ao motorista, mas não adiantou. "Quando o caminhão estava se aproximando, o povo gritou dizendo que não fosse. Mas ele foi e ficou. Até agora ele ainda está dentro do caminhão porque nem como sair ele tem", diz Hélio, acrescentando que trabalha nesta via há quatro anos e sempre vê situações semelhantes durante o período chuvoso. Durante a chuva muitos pontos de aquaplanagem foram formados na avenida Senador Dinarte Mariz, mais conhecida como Via Costeira. Um trecho próximo ao Hotel Imirá Plaza ficou alagado e pode ter sido a causa para a colisão de um veículo com um poste durante a madrugada. Com o choque, o poste com fios de alta tensão ficou em ameaça de queda. Por volta das 9 horas da manhã, técnicos da Companhia Energética do Rio Grande do Norte (Cosern) foram ao local para substituir o poste. "Precisamos esperar a chuva passar para fazer a troca, mas isto será feito ainda nesta manhã", garantiu o técnico Antônio Melo. Há informações também de que as lagoas do Preá e do Jacaré, localizadas no bairro de Nova Descoberta, estavam atingindo o seu limite máximo. Na avenida da Integração, a lagoa localizada por trás de uma concessionária transbordou novamente, atingindo a pista e deixando a área intransitável. ÁREAS DE RISCO Na zona Leste de Natal, a co-

Fotos: José Aldenir

Na avenida Xavantes não é preciso chover muito para a via ficar submersa

No Paço da Pátria, risco de inundações e desabamentos assusta moradores munidade do Jacó é uma das áreas de risco apontadas pela Defesa Civil. As construções irregulares em áreas de encostas oferecem risco aos moradores das residências

localizadas mais ao alto, que correm mais perigo de desabamento. Morando na comunidade há quatro anos, o auxiliar de cozinha Getúlio Maia Nogueira conta que

Aquaplanagem na Via Costeira pode ter sido causa da colisão de veículo com poste noites chuvosas são sempre motivo de preocupação para os moradores. "Eu moro mais embaixo e a minha casa não tem risco de cair. No entanto, se as que estão mais em cima desabarem, caem por cima das nossas. É perigoso e sempre estamos com medo", conta o auxiliar de cozinha, lembrando que os gestores públicos sempre prometem resolver os problemas da comunidade e nada é feito. A situação também é preocupante no Paço da Pátria. Basta chover para as imagens de alagamentos e desabamentos anteriores voltarem à memória dos moradores. "Muitas famílias já perderam tudo quando a água invadiu as casas. Então, sempre que chove ficamos com medo que tudo aconteça novamente", diz o porteiro Carlos Tomaz, que mora há nove anos na comunidade e que teve a sorte de nunca ter tido sua casa inundada. O porteiro diz que a comuni-

dade é esquecida e que quando os tubos do canal do Paço da Pátria entopem e a maré enche, a chance de transbordamento é grande. "Foi feita uma reforma aqui e até melhorou um pouco. Mas nenhum tipo de manutenção é feito. O Paço da Pátria está entregue ao lixo. Tem lixo dentro do canal, na rua, em todo canto. Então, isso colabora para que o canal fique entupido. Além disso, muitas árvores cresceram no local, o que piora ainda mais", conta Carlos Tomaz, afirmando que a limpeza constante e a poda das árvores poderiam minimizar o problema e dá mais segurança aos moradores. A ponte utilizada para que os moradores atravessem o canal de um lado para o outro está em ruínas e oferece riscos à população. Várias partes da ponte estão quebradas ou rachadas e os moradores precisam fazer 'remendos' para que possam utilizá-la e, mesmo assim, de forma insegura.

CMYK


Cidade

Sexta-feira

Natal, 13 de julho de 2012

O Jornal de HOJE 9

Divulgação

Professores do Estado estão sem receber salários há quatro meses GOVERNO AFIRMA QUE FARÁ PAGAMENTO DOS 800 PROFISSIONAIS ESTE AINDA MÊS Atuando em sala de aula desde o mês de março, quando assumiram os seus cargos no início deste ano letivo, cerca de 800 professores da rede estadual convocados por meio de concurso público realizado no ano anterior, estão sem receber salários há quatro meses, incluindo o mês corrente. A promessa do Governo do Estado é de que estes vencimentos sejam pagos com retroatividade no final deste mês de julho, porém, o Sindicato dos Trabalhadores em Educação Pública do RN (Sinte/RN) diz que há especulação de que o pagamento seja feito em agosto, o que não seria aceito pela categoria. De acordo com o coordenador geral do Sinte/RN, José Teixeira, muitos destes profissionais tiveram que abdicar de outros empregos ou mesmo mudar de cidade para assumir ao cargo. Sem receber salários estão tendo enormes prejuízos e até contraindo dívidas. "Nós estamos pressionando o Governo para que estes professores sejam pagos agora em julho. Muitos largaram outro emprego ou foram morar em outra cidade e estão tendo que 'se manter a fiado' porque não têm dinheiro para nada. Isso é uma falta de sensibilidade com o profissional", diz José Teixeira, acrescentando que teve informações que o pagamento seria realizado apenas no mês de agosto. A cobrança feita pelo Sindicato irritou a secretária estadual de Educação, Betânia Ramalho, segundo o coordenador do Sintest/RN. "Nós argumentamos que é um absurdo que professores estejam trabalhando há meses sem receber nem o primeiro salário e a secretária disse que isto geralmente acontece com novos nomeados. Nós sabemos que juntar estes três, quatro meses já é até uma tradição do Estado, mas isso não significa que esta postura não pode ser mudada", critica José Teixeira.

José Aldenir

Sistema de tratamento de esgoto será operada pela Caern, via concessão

> INVESTIMENTO

Primeira etapa da obra de sanemanento de Parnamirim é concluída Necessidade do Estado é de três mil professores. No início do ano, mil foram convocados, 800 assumiram e estão sem salário Ele lembra ainda que o déficit de professores em sala ainda é grande e que resulta em um enorme prejuízo para os alunos. "O Estado tinha a necessidade de 3 mil professores. Convocou mil e, destes, 800 estavam aptos a assumir. Mais mil devem ser convocados em breve, mas daqui que eles passem por todos os trâmites para assumir, o ano letivo já acabou. Os alunos serão prejudicados mais uma vez e este é um prejuízo muito maior do que o causado pela nossa greve no ano passado, uma vez que repusemos as aulas e recuperamos o tempo perdido", conclui o coordenador geral do Sinte/RN. Em contato com a secretária de Educação, Betânia Ramalho, ela afirmou a O Jornal de Hoje que a tramitação do processo é lenta. "Existem processos e etapas a serem cumpridas que são normais a todo servidor. O processo está tramitando na regularidade, mas lamentavelmente este costuma durar entre três e quatro meses", disse a titular da

Secretária de Educação Betânia Ramalho atribui o atraso no pagamento à burocracia pasta da Educação lembrando que os professores foram chamados todos de uma única vez, mas que tomaram posse ao longo de um mês. Segundo ela, um prazo médio

pode ser dado apenas pela Secretaria de Administração e Recursos Humanos. A reportagem tentou entrar com o secretário Álber Nóbrega, mas não obteve sucesso.

A primeira etapa do sistema de esgotamento sanitário de Parnamirim, no bairro Liberdade, já está pronto. O sistema, que usa as mais modernas técnicas de tratamento de esgotos e tem capacidade para atender a uma população de 20 mil habitantes nos bairros Liberdade e Primavera, será operado pela Caern, detentora da concessão dos serviços de águas e esgotos do Rio Grande do Norte. Em razão da forte chuva que cai em Parnamirim, a Prefeitura cancelou a inauguração desta primeira etapa do esgotamento sanitário do bairro da Liberdade, que estava marcada para a manhã desta sexta-feira, 13. A nova data ainda não está definida. A preços atualizados, a obra custou R$ 7,6 milhões, dos quais R$ 4 milhões oriundos da Fundação Nacional de Saúde (Funasa) e o restante como contrapartida da Prefeitura de Parnamirim. A estação de tratamento tem quatro grandes tanques de decantação com aeradores, sistema de filtragem e utiliza a tecnologia do sistema aeróbico de tratamento de efluentes. O processo é totalmente automatizado, com capacidade para tratamento de aproximadamente 2,3

DADOS TÉCNICOS População atendida até 20 mil habitantes Volume per capita de esgotos 160 litros/habitantes/dia Volume de esgoto a tratar 2.240 metros cúbicos por dia Vazão máxima nstantânea 46,6 litros por segundo Rede coletora 25 quilômetros de canos de diversos diâmetros milhões de litros de esgoto por dia. A técnica permite a despoluição e o reaproveitamento das águas em descargas de banheiro e para regar plantas nos jardins das residências.


10 O Jornal de HOJE

Natal, 13 de julho de 2012

Cidade

Sexta-feira

Vítima perde R$ 11,3 mil em ‘saidinha de banco’ MULHER HAVIA IDO A EXTREMOZ FAZER PAGAMENTO DE FUNCIONÁRIOS DA EMPRESA QUE TRABALHA, QUANDO FOI ATACADA ALESSANDRA BERNARDO REPÓRTER

Dois homens foram presos em flagrante, após roubarem a quantia de R$ 11,3 mil em um golpe conhecido como "saidinha de banco", no município de Extremoz, na Região Metropolitana de Natal. A vítima do crime, ocorrido ontem à tarde, foi uma mulher de 52 anos que não quis se identificar e que teria sacado o dinheiro na agência do Banco do Brasil do bairro de Igapó, zona Norte da Capital. Segundo o comandante do Pelotão Destacado da Polícia Militar de Extremoz, tenente Isaac Leão, a vítima foi a Extremoz para fazer o pagamento de funcionários da empresa em que trabalha em Natal, quando foi abordada pelos acusados John Breno Rosendo da Silva, 19 anos, e Pedro Antero Ribeiro Neto, de 24. Eles teriam seguido a

mulher com a motocicleta de placa NNW-5685/RN. Armados com um revólver calibre 38, os dois ladrões esperaram a vítima parar o carro, no Centro de Extremoz, para abordá-la e anunciar o assalto. De posse da bolsa em que o dinheiro estava guardado, eles fugiram em direção à saída da cidade. Entretanto, pessoas que presenciaram o crime avisaram a Polícia Militar sobre o fato, que iniciou rapidamente o cerco aos bandidos. Com as entradas e saídas de Extremoz fechadas, os policiais militares conseguiram identificar e localizar os ladrões minutos depois e os prenderam em flagrante delito, ainda no Centro de Extremoz. John Breno e Pedro Antero foram encaminhados para a Delegacia da cidade, onde foram autuados por assalto a mão armada e Pedro Antero, também por porte

José Aldenir

ilegal de arma. O dinheiro recuperado com os ladrões foi devolvido à vítima, que também compareceu ao distrito policial para identificar os acusados. A mulher, que trabalha em uma empresa de imóveis, disse que não havia percebido que estava sendo seguida pelos homens e que esta foi a primeira vez que foi vítima de assalto, tendo ficado surpresa com a ação dos bandidos. "É importante as pessoas evitarem sacar e andar com grandes quantias em dinheiro, principalmente se estiverem sozinhas. No caso desta vítima, ela iria efetuar pagamento a funcionários da empresa com dinheiro à vista, mas a nossa recomendação de segurança é que se faça isso através de depósitos ou transferências bancárias, que evitam esse tipo de ação criminosa", alertou o tenente Leão.

Pedro Antero e John Breno, segundo a polícia, seguiram a vítima em uma motocicleta e a abordaram no Centro de Extremoz Cedida

> EM ALEXANDRIA

Dupla é acusada de violentar menino durante uma década

Geylson foi condenado a 13 anos de prisão, por ter assassinado sua companheira, Rita de Cássia Mesquita, em 2010

> NO BOM PASTOR

Foragido do CDP de Pirangi é preso por equipe da Defur Um foragido do Centro de Detenção Provisória (CDP) de Pirangi foi recapturado na manhã de hoje por policiais civis da Delegacia Especializada em Furtos e Roubos (Defur), no bairro do Bom Pastor, zona Oeste de Natal. Com o acusado, foram apreendidos um veículo Fiat Palio branco com queixa de roubo e uma espingarda calibre 22. Ele foi autuado em flagrante por porte ilegal de armas e receptação de produto roubado. Segundo o delegado titular da Defur, Atanásio Gomes, a prisão do foragido só foi possível graças a uma denúncia anônima de que uma pessoa envolvida com roubo de automóveis estava escondida em uma residência no Bom Pastor. "Ao che-

garmos nesta casa, nos deparamos com o homem, que identificamos como fugitivo do CDP de Pirangi, e os materiais que foram apreendidos em seu poder", explicou. Geylson Gleycon Patrício, 28 anos, foi condenado a 13 anos de prisão após ter assassinado a companheira, Rita de Cássia de Almeida Mesquita, em 2010. A vítima, que tinha 21 anos na época do homicídio, foi morta dentro de casa no bairro de Igapó, zona Norte de Natal. "Antes de praticar o crime, ele agredia a vítima e a mantinha em cárcere privado", afirmou Atanásio. O acusado havia escapado do CDP de Pirangi há cerca de um mês e teria se escondido no Bom Pastor. Ele foi preso por volta das 6 horas

de hoje, por policiais da Defur, que fizeram o cerco à residência em que ele estava dormindo. Por causa do grande número de policiais que estavam no local, Geylson não reagiu à prisão e foi encaminhado para a Delegacia de Plantão da zona Sul, no bairro da Candelária. Ajovem foi assassinada com um tiro de revólver na cabeça, no dia 22 de julho de 2010. Ao lado do corpo, os policiais militares encontraram latas de cerveja e vestígios de cocaína. Testemunhas relevaram na época que o companheiro da jovem, Geylson Gleycon, era muito ciumento e que não gostava de se comunicar com as pessoas que moravam próximas ao casal. (Assessoria de Imprensa da Degepol)

Dois homens, de 27 e 68 anos, foram presos em flagrante acusados de praticar abuso sexual contra um menino durante dez anos, no município de Alexandria, no Oeste Potiguar. A prisão, realizada pela Polícia Civil em parceria com a Militar e o Conselho Tutelar local, aconteceu em um sítio onde os acusados e a vítima residem, na zona rural. O garoto, hoje com 17 anos, revelou que também sofria violência física e psicológica praticada pelos acusados. Segundo o delegado de Alexandria, Célio Fonseca, o adolescente denunciou os vizinhos e contou que era abusado e agredido sistematicamente nos últimos dez anos pelos dois homens, que o atacavam até mesmo dentro da casa da vítima, quando ele ficava sozinho. Ele afirmou que nunca denunciou o caso porque era ameaçado de morte pelos homens, que mantinham amizade com os pais do adolescente. João Paulo de Almeida, 27 anos e Expedito Gonçalves Abrantes, 68, foram detidos em flagrante. O primeiro confirmou que mantinha relações sexuais com o adolescente e que a última vez tinha sido na tarde da última quarta-feira, mas que o ato tinha sido consentido e não forçado, como a vítima afirmou. Já o segundo negou os crimes, mas os policiais militares encontraram uma arma de fogo na residência do acusado, que foi indiciado também por porte ilegal de arma. Segundo o delegado Célio, Expedito Abrantes é homossexual as-

Cedida

Violência sexual contra crianças foi tema de várias campanha em todo o Brasil sumido e teria forçado a vítima, que foi atacada a primeira vez com sete anos de idade, a manter relações sexuais com João Paulo. Os dois estão detidos na carceragem do Centro de Detenção Provisória de Alexandria e devem ter a prisão preventiva decretada nos próximos dias. "Eles disseram, em depoimento, que houve consentimento do adolescente, mas não acreditamos nessa versão", afirmou. O adolescente foi encaminhado, na quarta-feira, para o Instituto Técnico-Científico de Polícia do Rio Grande do Norte (Itep) para realizar o exame de conjunção car-

nal, para comprovar a violência sofrida ao longo dos anos. Segundo o delegado, várias pessoas já foram ouvidas sobre o caso e o próprio adolescente confirmou que sofreu ameaças e espancamentos inúmeras vezes para que mantivesse relações sexuis com os acusados. O caso foi denunciado ao Ministério Público em Alexandria no mês passado, quando foi remetido para a Polícia Civil, para investigação dos fatos. Com base nas informações prestadas pela vítima e os desdobramentos das investigações, os acusados foram detidos antes que pudessem fugir.

> FELIPE CAMARÃO

Comerciante é assassinado com cinco tiros nas costas Um comerciante foi assassinado com cinco tiros nas costas por desconhecidos, no bairro de Felipe Camarão, zona Oeste de Natal. Conforme relatos de familiares da vítima, Leonardo Domingues estava chegando em casa quando foi abordado por dois homens em uma motocicleta, que começaram a atirar nele, sem que

houvesse discussão ou briga. A família nega que a vítima tivesse envolvimento com qualquer tipo de crime. De acordo com informações da Polícia Militar, o crime aconteceu na frente da casa da vítima, na rua Nossa Senhora do Rosário e moradores que presenciaram o assassinato ainda tentaram socor-

rer o rapaz acionando o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). Ele foi encaminhado para o Hospital Walfredo Gurgel, no bairro do Tirol, mas não resistiu e morreu antes de chegar. Conforme relatos da polícia, Leonardo Domingues havia acabado de chegar em casa ontem à noite quando foi abordado pelos dois

homens desconhecidos, que atiraram contra as costas do rapaz, sem que ele pudesse se defender do ataque. Logo após o homicídio, os bandidos fugiram tomando rumo ignorado. Familiares da vítima, que ouviram os barulhos dos disparos da arma de fogo, correram para a rua para ver o que tinha acon-

tecido e, ao se deparar com o corpo de Leonardo, entraram em estado de choque. Conforme relatado aos policiais militares que atenderam a ocorrência, o rapaz, de 23 anos, trabalhava com o pai em um estabelecimento comercial no bairro do Alecrim e estava retornando para casa quando foi alvejado.

A Polícia Militar esteve presente ao local do crime, mas nenhum dos moradores da rua em que aconteceu o assassinato soube dar mais detalhes sobre o que ocorreu no local. A Lei do Silêncio é muito forte no bairro de Felipe Camarão e as pessoas têm medo de revelarem o que sabem, por temor aos bandidos.


Cidade

Sexta-feira

Natal, 13 de julho de 2012

O Jornal de HOJE 11

Alex Medeiros alex.medeiros1959@uol.com.br

E a economia, estúpido?

M

ilitantes e redatores do PIG (Partido da Imprensa Governista) sempre adoraram festejar os números do PIB nacional como mérito do governo petista. Agora concordam quando Dilma diz – enquanto o país entra em estagnação – que o PIB não é parâmetro. Com o PIB no buraco, os números da indústria cada vez mais baixos, a sociedade afundada na inadimplência e o consumo em marcha-ré, os economistas do PT precisam mais do que nunca da retórica protomarxista para enganar a nossa choldra ignara. Formalizar embustes estimulados pelo grafismo das constantes pesquisas que registram popularidade tem sido o ritual preferido da petralhada no "pudê". Navegar à distância das águas da verdade virou rota obrigatória de nove entre dez assessores de Dilma. Como ratos seguindo às cegas o flautim do Planalto, os eleitores do PT adoram repetir a decoreba partidária de que o país vive no "pleno emprego", sem sequer notar que o desemprego entre jovens chegou a índices africanos, na rabeira da América Latina. Vendida por Luiz Inácio como uma especialista de gestão, fato legitimado por um diploma de economia de misteriosas origens, Dilma Vana Rousseff vai aos poucos revelando seu lado vendedora

Avon e de gerentona de confecções no atacado. Desde que chegou na cadeira que foi do padrinho histriônico, a presidente se especializou num nada a declarar pra lá de benevolente com a herança administrativa, e quando tentou quebrar o silêncio acabou incorrendo em declarações intempestivas. Ontem, por exemplo, foi um desses momentos em que Dilma buscou sair da condição de poste eleitoral, como sugeriu o próprio Lula em entrevista ao Ratinho, para demonstrar que era geradora da própria luz. E acabou melando o Cibazol no PIB. É até aceitável que se ouça de um contador, desses que usam a linguagem lulista nas analogias entre ciências contábeis e peladas de futebol, que não se mede um país pela sua grandeza econômica. Mas, isto saindo da boca da presidente é mais que lamentável. Ora, Dilma e a mãe de Pantanha têm todo o direito constitucional de declararem o que bem quiser, sobre quaisquer assuntos. Só não se espera que alguém na cadeira de chefe maior do Estado saia por aí improvisando besteiras para abafar ineficiências reveladas. Meus 985 leitores devem ter lido ontem as notícias sobre o desaceleramento da atividade econômica na China, o primeiro gigante do BRICS, que registrou apenas meio por cento de avanço entre os dois últimos trimestres. Pequim acendeu a luz amarela. Aí eu pergunto: por que um mísero meio ponto de aumento na economia coloca uma potência como a China em alerta e leva o governo brasileiro a fazer gracejos oficiais? Talvez porque os chineses sabem que a mentira não substitui os efeitos de uma crise. Lembram da marolinha decantada pelo mitômano-mor Luiz Inácio? Foi ela que avançou pelo Atlântico adentro, inundando a Europa; seguiu pelo Pacífico e atingiu as muralhas chinesas e os campos indianos. A piadinha de Dilma surfou na marolinha de Lula. (AM)

RICARDÃO, O CHAPA

José Agripino, Henrique Alves, Rosalba Ciarlini, Garibaldi Alves, Micarla de Sousa, Fátima Bezerra, João Maia, Fábio Faria, Felipe Maia. Não importam as lideranças nem os partidos, pois todos achavam Ricardo Teixeira um partidão, um amigo do RN.

CACHOEIRA

Olhando direitinho para o grau de corrupção em ambos, cabe uma perguntinha: o que é mais imoral e desabonador para um homem público, ser amigo do contraventor Carlos Augusto Cachoeira ou do mafioso Ricardo Teixeira? Tenho dúvidas.

COMPROMISSO

Entre os boatos sobre a sucessão na presidência da Câmara Federal, pelo menos um parlamentar do PT disse o tempo todo que o partido cumpriria o acordo com o PMDB. Publiquei aqui, ano passado, declaração do deputado Fernando Mineiro a respeito.

dizem, o quartel-general de executivos e da imprensa mundial será no Campus da UFRN.

TV GLOBO

Nos últimos anos, a emissora carioca não tem economizado na apologia à imagem de José Bonifácio de Oliveira Sobrinho, seu ex gerentão. Pena que as novas gerações bombardeadas pelo culto ao Boni não conheçam o legado global de Walter Clark.

ARRIBA, ESPANHA!

É cada vez mais impressionante a diferença entre a economia e os esportes na Espanha. Enquanto a primeira desanda, o segundo avança. No futebol, a hegemonia mundial dos espanhóis ganha novo capítulo com a classificação à final da Eurocopa sub-19.

PRÓ-SAFADEZA

Quando a vagabundagem da CUT anuncia que vai às ruas gritar por Zé Dirceu e seus cúmplices, vale lembrar que após a campanha das Diretas Já, o sindicalismo canhoto não apoiou Tancredo Neves na eleição contra Paulo Maluf. Prática antiga, né?

CENSURA

Alguém precisa informar ao Ministério Público que jornais, revistas, sites e blogues não são concessão pública, como as rádios e TVs, estes sim sujeitos aos limites impostos pela legislação eleitoral. Alguns promotores sonham em reeditar a censura.

ALIÁS

Há muito tempo venho percebendo que alguns promotores públicos nesse Brasil varonil têm um faro bastante apurado quando se trata de investigar partidos e políticos que não pertencem ao espectro da esquerda. E ainda querem que a mídia combata a PEC 37.

DR. DEMÓSTENES

Ontem, enquanto funcionários do Senado retiravam o nome de Demóstenes Torres do gabinete em que trabalhou, uma placa com seu nome foi afixada na porta da 27ª Procuradoria de Justiça, em Goiás. O avesso do ditado "o bom filho à casa torna".

COPA 14

Em Fortaleza, a Fifa definiu a UNIFOR, o Ceten e o velho estádio PV como os três Centros Oficiais de Treinamento (COT) para a Copa do Mundo. Em Natal,

HQ ERÓTICA Durante mais de 20 anos a revista "Kiss Comix" foi sucesso na Espanha e se destacou na Europa no gênero quadrinhos de apelo sexual. Em 2011, sofreu o golpe da concorrência online e saiu das bancas, mas agora está de volta com fôlego e tesão renovados com o primeiro número trazendo a historieta "Cuatro Amigas", de Atilio Gambedotti. A Kiss Comix é da Editora La Cúpula.

João Ricardo Correia jornalistajoaoricardocorreia@gmail.com / joaoricardocorreia@yahoo.com.br / Twitter: @joaoricardorn

RECONHECIMENTO 2 As duas feiras já integravam o Circuito Potiguar do Livro, tendo seus projetos enquadrados na Lei Estadual Câmara Cascudo de Incentivo à Cultura e na Lei Djalma Maranhão do Município de Natal. A Cosern, do grupo Neoenergia, foi a primeira empresa a confirmar patrocínio para as edições deste ano. A Feira do Livro de Mossoró irá acontecer no período de 8 a 12 de agosto, no Expocenter. A FLiQ será realizada junto com a Cientec, de 23 a 26 de outubro, no Campus da UFRN, em Natal. CONSTATAÇÃO Para quem não tem a mínima condição de evoluir, coincidência é apenas uma coincidência. Mas para quem tem consciência que a vida é muito mais que acordar e se preparar para dormir, significados fazem a diferença. E coincidências têm um sentido especial. REFLEXÃO Templo religioso não muda o coração de ninguém. A misericórdia de Deus e a fé, sim.

Wellington Rocha

BLOG Bancário aposentado e músico, Abraão Lincoln da Câmara Ribeiro Viana, morador de Natal, retoma a atualização do seu blog, com muitas análises sobre a política e outros assuntos interessantes. É só acessar: www.abraaodabsdb.blogspot.com.br. AIDS A Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) vai inaugurar, no próximo dia 21, uma fábrica de medicamentos antirretrovirais para o tratamento da aids no continente africano. Depois de quatro anos dedicados às etapas de planejamento e construção, as instalações em Maputo, capital de Moçambique, estão prontas. A unidade será capaz de produzir 21 tipos de remédios para o combate à doença. AIDS 2 Segundo a Fiocruz, em uma primeira etapa, os remédios serão suficientes para atender às necessidades de Moçambique, um dos países com mais alta incidência de aids no mundo – um infectado em cada grupo de três habitantes. Mas, em dois anos, a produção será capaz de atender a toda África subsaariana. O investimento total no projeto e na construção foi estimado em cerca de R$ 200 milhões. O governo do Brasil contribuiu com a metade deste valor, aproximadamente. Também houve doações de empresas privadas, como a multinacional brasileira Vale, que atua na África nas áreas de mineração e transporte ferroviário. ESPETÁCULO Amanhã, às 21 horas, a TV Canção Nova transmitirá, ao vivo, o show “No meu interior tem Deus”, com o padre Fábio de Melo. Música de qualidade, mensagens que engrandecem o coração. Uma excelente pedida. AEROPORTO O Clube de Engenharia do Rio Grande do Norte continua com sua programação do ciclo de palestras técnicas e terça-feira, 17, às 20 horas, na sede da instituição, na avenida Rodrigues Alves, recebe o engenheiro Ibernon Martins Gomes, diretor regional do Consórcio Inframérica, responsável pela construção do Aeroporto de São Gonçalo. O engenheiro irá falar sobre o projeto, cronograma, execução da obra e abordará, também, a questão dos acessos ao aeroporto, que fica na Grande Natal, no município de São Gonçalo, sendo considerado essencial para o desenvolvimento do Rio Grande do Norte, principalmente com relação ao desaguamento da produção, tanto para o mercado interno quanto para o externo.

DeChuvavirar a cabeça não castiga ninguém. Mal planejamento é outra coisa.

RECONHECIMENTO A Feira do Livro de Mossoró e a Feira de Livros e Quadrinhos de Natal - FLiQ foram reconhecidas pelo Ministério da Cultura dentro do Circuito Nacional de Feira de Livros, como ação integrante da política do livro, da leitura e das bibliotecas do PNLL/MINC. Os dois projetos foram inscritos no último edital da Fundação Biblioteca Nacional pelo Instituto Cultural e Áudiovisual Potiguar (Icap), parceiro da Comunique Editora na organização dos eventos.

Chove, chuva... Em período em que as chuvas não faltam, brota da terra diversos tipos de alimento e é bacana ver carroceiros levando comida para seus animais. É gratificante saber que, por um período, esses seres especiais que puxam carroças pesadas e, muitas vezes, são agredidos e humilhados, terão garantida a alimentação. É a natureza diminuindo tristezas e aumentando expectativas de vida.


12 O Jornal de HOJE

Cidade

Natal, 13 de julho de 2012

Sexta-feira

Daniela Freire POLÍTICA E SOCIAL - daniela.freirecosta@yahoo.com.br Márlio Forte

w OAB DESATUALIZADA Embora seja vice-presidente da atual gestão na OAB-RN, o candidato à Presidência do órgão Aldo de Medeiros Filho fez uma forte crítica à administração de Paulo Teixeira, hoje, em entrevista ao Jornal da Cidade, na 94 FM. >>> Para ele, "a administração da OAB está no século passado". "A OAB não se atualiza", afirmou Aldo, que considera a "acomodação" do comando atual como a causa desse atraso burocrático no órgão. w VIOLANDO A LEI Entre os temas polêmicos abordados na entrevista, o candidato a presidente da OAB comentou a respeito da divulgação de áudios com conteúdo íntimo de acusados na Operação Assepsia pelo Ministério Público. >>> "Uma violação flagrante da lei", disse ele, que condenou também a explicação dado pelo MP para a divulgação. w SEM GRAÇA Começa morna a campanha eleitoral deste ano em Natal. >>> Pelo menos essa é a opinião de políticos que estão participando do pleito. >>> E muitos consideram que os culpados são os próprios candidatos à Prefeitura da capital. "Rogério não empolga. Nem Hermano. Mineiro está sempre de 'cara fechada' e Carlos Eduardo é um poço de antipatia e arrogância", disse um vereador candidato à reeleição.

w PRESSIONANDO... O deputado Henrique Alves já havia avisado que compraria a briga contra o Ibama RN no caso envolvendo a proibição da construção de hotéis na Via Costeira. >>> Na última quarta-feira, o líder peemedebista esteve conversando com o presidente do Ibama nacional Volney Zanardy para tentar desfazer a proibição imposta pelo órgão. Hoje pela manhã, aqui em Natal, na Secretaria de Turismo, o deputado reuniu o trade turístico e órgãos ambientais municipais e estaduais para relatar a conversa em Brasília. >>> Em seu Twitter, ele ressaltou: "E nova reunião acontecerá segundafeira, de novo Ibama nacional, com dirigente estadual e lideranças do setor no RN. Via Costeira em discussão". >>> Em tempo: o Ibama é acusado de ser contra o desenvolvimento da capital por impor embargos à construção de novos hotéis na Via Costeira, que é Área de Preservação Permanente (APP). Hoje, dois hotéis sofrem embargados.

Jota Oliveira

A Rosa e Garibaldi na despedida a Dom Eugênio Sales, no Rio. A dupla potiguar ficou na primeira fila, ao lado do governador carioca Sérgio Cabral Rodrigo Rafael

A bela Carolina Lagreca no Café Del Mar, no Praia Devassa w IMPERDÍVEL E a partir da próxima segunda-feira, dia 16, esta colunista estreia ao lado do colega jornalista Alex Viana na bancada de um novo programa de TV: o "Direto ao Ponto", na TV Câmara (canal 37 da TV Cabo Natal), que irá ao ar semanalmen-

Registro da participação de Ezequiel Ferreira, do ex-prefeito Zé Lins, da vice-prefeita Milena Galvão e do advogado João Gustavo na 13ª Cavalgada de Sant’Ana, em Currais Novos Cedida

w PERSONAGEM Observadores da cena também consideram que a causa desse clima frio na disputa se deve ao estilo dos postulantes ao cargo de prefeito. "Não são bons de discurso, no rebate aos adversários", comentam... >>> Há, inclusive, quem diga que se o verde Luiz Almir fosse candidato, o clima estaria bem mais quente... w POR OUTRO LADO... ...os candidatos estão focados em apresentar boas propostas de governo. >>> E, claro, na campanha de televisão e rádio. >>> Para dar um tempero a eleição.

Bobflash

Papo sério entre a vereadora Júlia Arruda e o candidato a prefeito de Natal Hermano Morais durante lançamento do Manual Prático das Eleições de Jarbas Bezerra e Ligia Limeira

w PONTA NEGRA DESTRUÍDA Piorou a situação no calçadão de Ponta Negra. >>> Com a chuva que cai desde ontem na capital, as crateras aumentaram. Em uma delas, o cano de esgoto ficou boa parte à mostra, denunciando aos turistas e frequentadores em geral como a poluição chega àquela praia. >>> E como chega! >>> Quem viu a cena e tiver juízo não mergulha nunca mais por ali. w CAVALGADA DE SANT'ANA Nas primeiras horas desta sextafeira, o deputado Ezequiel Ferreira e o ex-prefeito Zé Lins, juntamente com a vice-prefeita Milena Galvão e o advogado João Gustavo, prestigiaram a 13ª Cavalgada de Sant'Ana, em Currais Novos. >>> O evento saiu da Zona Rural, passando pelas ruas de Currais Novos. w SUCESSO Dezenas de juristas e personalidades participaram na noite de

ontem, na livraria Saraiva do shopping Midway, do lançamento do livro "Neoprocessualismo - Reflexos Neoconstitucionais", da advogada Lúcia Jales. >>> A obra trata das mudanças de grande repercussão no âmbito do Direito Processual Civil e aborda temas como união estável entre pessoas do mesmo sexo, permissão para realização da marcha da maconha e pesquisas com células tronco. w BRILHANDO... Toda linda, a atriz potiguar Titina Medeiros foi uma das convidadas hoje de Fátima Bernardes no programa "Encontro", na Globo. >>> Falaram sobre o trabalho das secretárias do lar e sobre superstições, já que hoje é "sexta-feira 13". w DIA DE SAMBAR Neste sábado, o Buraco da Catita vai presentar o público presente com o melhor do samba de raiz da cidade. >>> O vocalista Debinha e o seu grupo Roda de Bambas farão três horas de muita música de qualidade.

Curtindo o Arraiá Prá Lá de Dez de Jota Oliveira: Caroline Maciel e Daliana

te, e ao vivo, das 20h às 21h. >>> O programa tem a proposta de levar aos telespectadores da TV Câmara entrevistas exclusivas e completas com pessoas que exercem função importante na sociedade potiguar. >>>

Será como um longo bate-papo, buscando também o lado humano do convidado. >>> Para a estreia, o presidente da Federação das Indústrias do Estado do Rio Grande do Norte (Fiern) Amaro Sales.


Cidade

Sexta-feira

Natal, 13 de julho de 2012

O Jornal de HOJE 13

Cena Urbana VICENTE SEREJO - serejo@terra.com.br w DISPARO Sejamos justos: o reaquecimento dos programas sociais do governo federal - casa, cisterna, agricultura familiar - vão levar o Governo Rosalba a todas as regiões do Estado. É só acreditar e investir mais forte.

w CARTEL Um vereador garantiu que a tentativa de reapresentação do projeto de liberação de postos de gasolina em supermercados e shoppings foi um ensaio. Para testar se o medo, desta vez, funcionava. Não funcionou.

w ATENÇÃO O wilmismo hoje nega com todas suas forças, mas há quem ainda aposte na queda por inelegibilidade da candidatura Carlos Eduardo para vê-la nas ruas como candidata a prefeita. Como num conto de fadas.

w MAS Não descarta que os olhos dos meninos possam abrir depois do recesso parlamentar. E, neste caso, por pura precaução, seria melhor deixar para o ano que vem. Pode ser. O cartel, na verdade, não tem pressa.

w EFEITO Não vai passar de fogo de artifício a indagação sobre a riqueza do ex-prefeito Carlos Eduardo Alves. É bom não esquecer que sua família tem empresas. E prólabore sem trabalhar justifica qualquer milagre. w REFORMA Vem ai o novo livro do professor Homero Costa, doutor em ciência política. É sobre a crise dos partidos e a reforma política no Brasil. Edição da Paco, de São Paulo. Ainda sem data para ser lançado em Natal. w HISTÓRIA A Revolução Constitucionalista de 32, em São Paulo, nos seus 80 anos, é o tema de capa e o dossiê da revista História da Biblioteca Nacional. Hoje a melhor revista cultural produzida por instituição pública. w SILÊNCIO É invencível e para alguns aterrorizante como nos filmes de terror, o silêncio que desabou de vez sobre a concorrência das linhas do transporte urbano. E fazê-la agora, véspera de uma campanha, é misterioso. w CURSO Começa dia 21 próximo na Practical Curso, Rua das Laranjeiras, 14 (por trás da Igreja do Galo), com inscrições pelo telefone 3211.5436. Para fotógrafos amadores e profissionais e ao longo de seis aulas.

Ah, as nossas elites! H

á quem não goste Senhor Redator, mas é verdade: não temos elites. E temos, se alguém chamar de elites os nossos ricos de toda espécie. Muitos deles, mas não diria todos, com passados fincados no Estado nutridos daqueles malabarismos como o perdão de dívidas nas secas, Sudene, reflorestamentos, estradas, obras públicas e que tais. Afastados estes, restariam poucos dotados de uma boa e bela história de vida para contar, se viver é também exercer a consciência de que liderar é construir novos destinos. Os financistas no seu pragmatismo justificariam: somos economicamente pobres. Seria perfeito se não fosse uma falácia bem urdida. No passado éramos mais ainda, no entanto, tivemos consciência coletiva. E se ali existiu uma oligarquia pensante há de ter sido a Albuquerque Maranhão liderada por Pedro Velho. Não temeu a modernidade com medo de perder espaço e poder. Proclamou a República entre nós, fundou um jornal para discutir idéias, formou algumas gerações, foi uma verdadeira escola. O Rio Grande do Norte vive hoje a mais medíocre de todas as gerações políticas. Da guerra do caju até hoje, nesta ilharga da Fortaleza dos Reis Magos e neste descampado de tabuleiros, nunca fomos tão pobres de grandeza. A geração que desapareceu pode ter tido aqueles defeitos inevitáveis da política, mas tinha inegável espírito público. Seus talentos não nasceram nas folhas dos inventários e dos formais de partilha como herdeiros de riqueza. Pelo contrário: tinham até medo de não realizarem o bem feito.

Carlos Magno

Os parabéns pra você serão cantados hoje para o coronel Erland Correia Motta, Rogério Gurgel da Silva, expresidente

do

DESTAQUE Ligia Limeira e o juiz caicoense Jarbas Bezerra recebem a exgovernadora Wilma Maria de Faria durante o lançamento do seu livro "Manual Prático das Eleições.(Foto Lourenço).

O que eles fizeram? Uma república para o voto livre. Jornais para o debate das idéias. Uma escola para educar a mulher. Uma universidade. Um hospital infantil. Um educandário para menores pobres. Educação rural e através do rádio. Energia de Paulo Afonso. A exploração de novas riquezas. A busca do turismo na geração de emprego e renda. E o que fazemos hoje? Vamos às urnas para empregar filhos que se sucederem a seus pais, e mesmo que o façam com gosto, serão no máximo bons herdeiros. Nem o timbre e o tino dos velhos coronéis, sagazes e astutos, fundadores de vilas e povoados, temos mais. Neste descampado de talentos sobrou muito pouco como semente para se plantar um novo futuro que não seja este que hoje se reproduz todos os dias. Até a Universidade, nosso maior centro de idéias e pensamento, cumpre aquele destino perverso de transformar a prática da libertação e discussão em apenas, e pobremente, como disse o filósofo Luis Felipe Pondé, 'num lugar de miséria intelectual'. Não temos saída Senhor Redator. Pelo menos por enquanto. É o que nos aguarda nos próximos anos. Nenhum novo talento fere a monotonia do nosso céu político. Somos pardos e parcos em tudo, menos em grifes, signos luxuosos, ostentação. Tão pobres que extirpamos o pudor de nossa consciência crítica. Afinal, seria terrível ter que enfrentá-lo todas as manhãs, quando a vida tem gosto de pasta. É como se disséssemos a uma só voz: ao lixo a discussão das idéias, a contradição, a liberdade de pensar!

w AVISO - II Esta coluna não discute o que uma instituição pode ou não pode segundo suas prerrogativas regimentais. Discute se deveria ou não deveria tê-lo feito sob determinadas circunstâncias, principalmente políticas. w ALIÁS - III Um zangão advocatício cochichou no ouvido da coluna que nesses tempos de lista tríplice para a vaga de desembargador a ser preenchida por advogado, tudo pode acontecer. Faz sentido. Faz muito sentido. w HISTÓRIA O professor Jardelino Lucena resumiu a história do Movimento de Natal e muitos não sabem que o livro documentando essa história é hoje um dos títulos mais raros da bibliografia do Rio Grande do Norte. w PODER A Folha de S. Paulo publicou na oitava página do primeiro caderno a matéria sobre a vida e a atuação de Dom Eugênio Sales. Por coincidência e sutileza, numa página identificada editorialmente como 'Poder'.

90 ANOS

FLASHES DO SERIDÓ - carlosm.dantas@hotmail.com

TINTIM

w SAÚDE - I A manchete d'O Mossoroense: 'Sindicato quer processar governo / do RN por assédio moral coletivo'. Se vier a processar, a OAB ficaria isenta, lutaria contra o sindicato dos médicos ou contra o governo?

Fotos: Liegebarbalho.com

Ao lado dos filhos, genros, noras e netos, a matriarca caicoense Alcira Pereira de Araújo, festejou seus 90 anos em grande estilo. Lourenço esteve lá e hoje mostramos cliques da noite e a eterna elegância da aniversariante.

Clube

Corintians de Caicó e a primeira-dama Bezerra,

de

Maria

Afonso Aldenora

Bezerra. Amanhã rasga folhinha o radialista acariense Evaldo Nogueira. Domingo é dia de parabenizar o dentista e ex-vereador de Cruzeta, Antonio Teixeira de Medeiros, advogado

Paulo

Lopo

Saraiva e o jornalista Flávio Rezende. Segunda-feira brinda idade nova o prefeito de Lagoa Nova, Erivan Costa e Conceição Braga, grande dama da sociedade caicoense e na terça, o vereador de Jardim do Seridó, Iron Lucas de Oliveira e o caicoense Roux Trindade.

NUPCIAL - Os noivos Rafael Luiz e Lenice Karla, com a irmã dela Lenúsia Medeiros e o primo João Paulo, durante a troca do sim em Florânia. (Foto Cedida). w URNAS A disputa por uma vaga na Câmara Municipal nas eleições de 7 de outubro serão acirradas. Serão 151 candidatos disputando as 15 cadeiras do plenário Prefeito Inácio Bezerra. w REVISTA Com coquetel esta noite no Chefs Requinte em Caicó, o colunista social Jota Araújo lança a 12ª edição da sua revista "Seridó em Foco", com a presença da Miss RN 2012, Kelly Fonsêca. w BODAS Com um jantar em família, o queridíssimo casal Galbê Maia e Josidete Maia, ex-prefeitos de Jardim de Piranhas, brindam hoje 40 anos de casamento. w VAQUEJADA A grande pedida desta final de semana em nosso Seridó e a 39ª Vaquejada de Currais Novos, no Parque

Sílvio Bezerra de Melo, apontada como uma das maiores do Nordeste. Esta noite quem abre a programação no parque são as bandas Forró da Pegação, Solteirões e Canários do Reino. Amanhã sobem ao palco da Du Rei Casa Show Flávio José, Dorgival Dantas e Deixe de Brincadeira.

w BELEZA

w GESTO A governadora Rosalba Ciarline prestigiou o lançamento da 5ª edição do livro "Manual Prático das Eleições", do juiz caicoense Jarbas Bezerra e da diretora do Tribunal Regional Eleitoral do RN, Lígia Limeira. O evento congestionou a Livraria Saraiva de políticos.

cenário da noite que terá entre outras atrações a presença da Miss

w PERSONALIDADES O ministro Garibaldi Alves Filho e o deputado federal Henrique Eduardo Alves entre os homenageados da XXIII Festa das Personalidades de Assú, dia 21 de julho, no Oásis Balneário. A promoção do colunista social J. Ribamar será embalada pela orquestra Los Manos.

tal do Vale, Mash, Fecomércio, Rede Mais, Inaraí Tour, A Ca-

A Miss e o Mister Seridó 2012, serão eleitos dia 4 de agosto, no Centro Cultural Erivaldo Freire, em Florânia, cidade que pela terceira vez é sede do maior espetáculo de beleza da nossa região. O decorador top de Caicó, Emanoel Araújo criará todo RN 2012, Kelly Fonsêca. Representantes de 18 cidades seridoenses estarão na passarela me busca dos títulos. O evento tem como parceiros a Matersol Moda Praia, Estrela Viva, Clínica de Olhos Santa Beatriz, Maré Mansa, Aldann Construções, balneário Porserna, Banda Feras e Clínica Boucinhas. Os eleitos representarão nosso Estado nos concurso Miss e Mister Brasil TUR 2012, que acontece dia 25 de novembro, em Recife.


14 O Jornal de HOJE

Cidade

Natal, 13 de julho de 2012

Sexta-feira

Binóculo

Viagem & turismo

lira_cris@hotmail.com REPAGINAÇÃO O SERHS Villas da Pipa Hotel , do grupo catalão SERHS, localizado em Tibau do Sul, na praia da Pipa, está cheio de novidades. Após uma repaginação e reformulação em suas 22 vilas,cada uma com duas suítes, o SVPH, ganhou nova decoração. A partir de nova pintura interna e externa, além de mudanças em sua decoração, SERHS Villas da Pipa hotel ganhando em suas villas, novos quadros, estofados, cortinas, roupa de cama e TVS 32” na sala . As camas também foram substituídas por camas queen size na suíte casal, que também estão agora com ar condicionado split e também frigobar. Os banheiros também passaram por reforma SERHS VILLAS DA PIPA O novo projeto paisagístico contempla os jardins com grama e cercas vivas. O restaurante por sua vez, tem agora wi-fi gratuito para atender todos os hóspedes. Com a revitalização, o SERHS Villas da Pipa hotel, recebeu up grade para nova categoria de UH luxo, sendo: Villa Superior, Villa Luxo (estas com ar condicionado na sala e antena wi-fi na villa como diferenciais) Villa Nupcial - com wi-fi, hidromassagem, Tv 40" e localização privilegiada. Todas as vilas possuem cozinha equipada (fogão, geladeira e utensílios), piscina privativa e churrasqueira privativa. É um dos poucos hotéis em Pipa que dispõem de espaço para até dois carros em cada unidade habitacional. E todas as villas acomodam até 6 pessoas com exceção da vila nupcial. EQUIPAMENTOS O SERHS Villas da Pipa Hotel ocupa uma área de 3 mil m2, com 22 Vilas que possuem entre 100 e 300m2 cada, equipadas com sala de estar, cozinha americana e 02 suítes com TV 21 polegadas, internet WI-FI, linha telefônica, frigobar. Cada Vila, conta com piscinas privativas, rede na varanda e churrasqueira.Fica localizado a 71 Km do Aeroporto Internacional Augusto Severo e a 90Km de Natal, 300 metros da Praia da Pipa e a 200 metros do Centro da Pipa.O SERHS Villas da Pipa fica na rua da Mata, 529ª. Informações pelo telefone (84)3246-2615

DICA

MOURA DUBEUX A incorporadora Moura Dubeux entrega na quarta-feira (18), às 19h30, o seu maior empreendimento no Rio Grande do Norte: o Natal Brisa Condomínio Clube. Ao todo, o residencial ocupa uma área de 15 mil metros quadrados, no bairro Cidade Satélite, divisa entre as cidades de Natal e Parnamirim, onde foram erguidas cinco torres. Os moradores do condomínio vão receber, durante um coquetel no salão de festas, os novos apartamentos. O diretor e sócio da empresa, Gustavo Dubeux, e o diretor regional da MD no Rio Grande do Norte, Fernando Amorim, vão participar da solenidade, que marca a consolidação da presença da MD na construção civil do Estado.

5ªEDIÇÃO DO ENCONTRO NACIONAL DE TURISMO DA BAHIA (ENTUR) As inscrições para a 5ª edição do ENTUR - Encontro Nacional de Turismo da Bahia e do BAHIA/HOTEL/BIZZ já estão disponíveis nos respectivos sites: http://www.enturbahia.com.br/incricoes.php e http://bizz.pre-hw92.webservidor.net A quinta edição do Entur será palco desses dois grandes eventos do trade turístico da Bahia quando todos estarão reunidos em um só lugar, no Centro de Convenções da Bahia, em Salvador, nos dias 23 e 24 de agosto.

DESTINOS A Arituba Turismo, está anunciando para o segundo semestre de 2012, quatro opções de viagens internacionais, para destinos exóticos e culturais. Para o dia 10 de Abdon Gosson , diretor da Arituba turismo agosto, os natalenses, passarão 18 dias conhecendo as belezas de países como a Rússia, Polônia, Letônia, Estônia e Lituânia, e desfrutar de atrações como o museu Hermitage, em São Petesburgo, na Rússia, um dos mais célebres do mundo.Já no dia 06 de outubro, está previsto um exclusivo roteiro de 14 dias pelos países da antiga Iugoslávia, vislumbrando as belezas da Croácia, Bósnia–Herzegovina, Montenegro e Eslovênia. Como destaque, a capital da Bósnia–Herzegovina, Sarajevo, cenário do início da I Guerra Mundial. IBIS BUDGET Os hotéis Bello Mare Hotel e Ponta do Sol Praia Hotel, localizados na praia de Ponta Negra, fazem par te do grupo MRG, comandado pelo casal paulista Marcelo e Rose Guerra, que estão preparando Rose e Marcelo Guerra novidades para o segundo semestre e alta temporada. Já pensando no futuro, o casal também está investindo em novo empreendimento, o Arena Business Tower, da rede Accor, com o mais econômico dos Ibis, o Ibis Budget, com 160 leitos, em breve a ser lançado com conclusão de entrega da obra, em dezembro de 2013. O novo empreendimento fica localizado na avenida Salgado Filho. Do grupo fazem ainda parte o restaurante fast food Estupendo totalmente potiguar, no shopping Midway Mall e Natal Shopping e a La Via Pane padaria & gastronomia, inaugurada há um mês no bairro nobre de Petropólis. Neste projeto contam com a parceria do sócio Geraldo Cavalcanti, que é especialista em administração de padarias e um grande entusiasta da gastronomia.

Uma grande parceria foi elaborada entre a Barra Viva Marketing e Eventos, promotora do ENTUR e a ABIH-BA para viabilizar a realização do BAHIA/HOTEL/BIZZ composto de um grande Seminário e uma Feira de Fornecedores de Produtos e Serviços para a Hotelaria.Essa será a grande oportunidade para fechar bons negócios e se atualizar para competir nesse mercado que a cada dia implementa novas tecnologias e ferramentas de gestão.Em agosto, a Bahia será a Terra dos Bons Negócios!

a animação "Valente", a RTAZ nome todo), vá conferir le ue aq (é ze tre ra O QUE ESTÁ EM CA fei da sextame da Semana), com fobia? Se não tem medo ha" (vejam na Sessão Fil eca an Ar aid misc atr me Ho frig r ula tem tac cê Vo Noite", nova "O Espe ody Allen, "Sombras da a. Continuam em cartaz an Wo de sem , de or" al Am fin m do Co a rei ma única est "Para Ro curados. Nas Era do Gelo 4", o drama "Madagascar 3 - Os Pro "A o o açã açã im im an a an e a , ", u? rói he me o reboot do édia nacional "E Aí, Co "As Idades do Amor", com Johnny Depp, a com Ridley Scott, e o romance de s", eu eth om "Pr ca parceria de Tim Burton tífi ficção-cien s, o Cinemark mantém a programações exclusiva na Sessão Cine Cult. Fotos: Divulgação

ESTREIA 1: "VALENTE" Mérida (voz de Kelly Macdonald) é filha do habilidoso e impetuoso arqueiro Rei Fergus (voz de Billy Connolly) e da Rainha Elinor (voz de Emma Thompson). Determinada a conquistar o seu próprio caminho na vida, Mérida desafia um costume antigo sagrado para os senhores da terra: o maciço senhor MacGuffin (voz de Kevin McKidd), o grosseiro senhor Macintosh (voz de Craig Ferguson) e a mal humorada senhora Dingwall (voz de Robbie Coltrane). As ações de Mérida inadvertidamente desencadeiam o caos e a fúria no reino, e quando ela procura a bruxa velha e excêntrica (voz de Julie Walters) para obter ajuda, lhe é concedido um desejo malfadado. As forças de perigo seguem Mérida para descobrir o significado da verdadeira bravura, a fim de desfazer a maldição bestial antes que seja tarde demais. A direção é de Mark Andrews. "Valente" estreia nesta sexta-feira, na Sala 5 do Cinemark, e na Sala 2 do Moviecom. Classificação indicativa livre. Cópias dubladas. (T.O.: "Brave")

SESSÃO CINE CULT: "AS IDADES DO AMOR" Roberto (Riccardo Scarmacio) é um jovem advogado ambicioso, que está prestes a se casar com Sara (Valeria Solarino). Ao cuidar de uma desapropriação ele conhece a bela Micol (Laura Chiatti), que vem de uma pequena vila da Toscana e balança seu coração. Nos últimos 25 anos Fabio (Carlo Verdone) tem sido o marido perfeito. Ele é um apresentador de TV de sucesso e, numa festa, conhece Eliana (Donatella Finocchiari). Eles passam a noite juntos, mas o problema maior é que, no dia seguinte, ela se recusa a ir embora. Adrian (Robert De Niro) é um professor de história da arte americano que se mudou para Roma logo após se divorciar. Amigo de Augusto (Michele Placido), o porteiro do prédio onde mora, ele passa a ter sua libido novamente despertada graças a Viola (Monica Bellucci), a filha do colega. A direção é de Giovanni Veronesi. "As Idades do Amor" será exibido na terça-feira e na quinta-feira, na Sala 7 do Cinemark, na sessão de 19h30. Classificação indicativa 14 anos. (T. O.: "Manuale d'Amore 3")

Por Cristina Lira FINAL DE SEMANA

FESTIVAL DO TURISMO O Festival do Turismo, Artesanato e Cultura de Natal, promovido pela Secretaria Municipal de Turismo e Desenvolvimento Econômico, com apoio da SEMTAS, da FUNCARTE e da SECOM, continua durante o mês de julho, das 10 às 22 horas.Hoje o Box Móvel de Informações Turísticas da SETURDE ficará na frente do Shopping Mãos de Arte, com uma equipe da Saúde,realizando testes glicêmicos e medição de pressão arterial, até às 17 horas.À tarde, a partir das 16 horas, o Festival oferece uma “Tarde de Bem Estar”, com ginástica terapêutica e massagens relaxantes.O Festival do Turismo, Artesanato e Cultura de Natal acontece no Shopping Mãos de Arte, na Praia dos Artistas. ZECA BALEIRO EM NATAL Poeta, roqueiro ou MPB, o maranhense Zeca Baleiro novamente visita Natal com o show “Calma Aí, Coração” no Teatro Riachuelo dia 4 de agosto. O show faz parte da turnê do artista para o lançamento so seu 9º cd de inéditas, ‘O Disco do Ano’, que sai em abril pela Som Livre. O show leva o nome de uma das faixas do disco, ‘Calma Aí, Coração’, estreado em abril na Sala Villa-Lobos do Teatro Nacional de Brasília, passando depois por Goiás, Rio de Janeiro, Vitória e São Paulo, entre outras cidades do país.A Construtora Hazbun, na sua política de marketing cultural, patrocina o evento. O ARRAIÁ DO ARROXONÓ O arraia acontece neste fim de semana na avenida Xavier da Silveira, em Nova Descoberta a partir das 21h. No amplo palco armado se apresentarão quadrilhas juninas de vários bairros de Natal e uma diversificada programação musical com as Bandas Montagem, Vaca Atolada e trios de forró pé de serra. Além de barracas com comidas típicas e parque de diversão. O Arraiá, já com 15 anos de tradição, também contará com dois telões. Entrada franca.

BANDA GRAFITH O sucesso da banda Grafith é a grande pedida da semana no Peppers Hall. O grupo vai se apresentar pela primeira vez na casa mais balada de Natal nesta hoje na festa Grafith Prime. Para completar a noite ainda tem a energia da banda The Frois. PROMOÇÃO PARA SEGUIDORES DO BLOG TURISMO POR CRISTINA LIRA Os seguidores do blog desta colunista, WWW.turismocristinaliranatal.blogspot.com concorrerão a um sorteio de um final de semana no Ponta do Sol Praia hotel, na bela praia de Ponta Negra, com direito a um acompanhante, para utilizar na baixa temporada com exceção dos feriados. Se você ainda não é seguidor, ainda está em tempo de participar, basta seguir.. A promoção é somente para quem é seguidor do blog. O sorteio será no dia 30 de julho. Participe!!..Vem aí mais promoções. SÓ O SAMBA SALVA Um projeto que promete trazer a Natal grandes nomes do samba e pagode. Essa é a ideia do “Só o Samba Salva”, criado e organizado pela 4YouPromo e que será realizado no espaço Praia Devassa, na Via Costeira.E a estreia do projeto será dia 28 de julho com o cantor Salgadinho, ex-integrante do grupo Katinguelê onde foi vocalista até maio de 2001. Em 2008, ele retornou ao grupo, mas dois anos depois houve uma nova saída. BANDA ANOS 60 A Banda Anos 60 toca hoje( 13), no Clube de Engenharia, às 21h, dando sequência a programação “Sexta da Música”, que recebe semanalmente músicos da terra.“Vamos fazer uma viagem inesquecível pelo túnel do tempo, com os ‘meninos’ da Banda Anos 60”, disse o engenheiro Jorge Lira, tecladista do grupo. “Será um ‘revival’ pelas músicas que fizeram a Jovem Guarda, abordando as décadas de 1950, 1960 e início dos anos 1970”, concluiu Lira.

Claquete Newton Ramalho

Filme da Semana: "O Espetacular Homem-Aranha"

Acredito que todos aqueles que, como eu, liam as histórias em quadrinhos do Homem-Aranha, quando adolescentes, ficaram desconfiados com o anúncio de uma refilmagem do herói, principalmente após o sucesso da trilogia de Sam Raimi, como Tobey Maguire no papel-título. Sem manter muita fidelidade aos quadrinhos ou aos filmes anteriores, "O Espetacular Homem-Aranha" traz o herói repaginado e totalmente dirigido às novas gerações de espectadores. O Homem-Aranha ou SpiderMan, é um personagem da Marvel Comics, e apareceu pela primeira vez em agosto de 1962, na décima quinta e última edição da revista Amazing Fantasy. O herói foi criado por três dos mais importantes nomes dos quadrinhos: Stan Lee, Jack Kirby e Steve Ditko. Nas décadas seguintes, o herói saiu dos quadrinhos para seriados de televisão, desenhos animados, games, musicais, merchandising e filmes, tornando-se uma das maiores franquias da indústria do entretenimento. Diferente dos super-heróis da época, Peter Parker foi imaginado por Lee e Ditko como um adolescente comum e não como o tradicional herói fortão. O garoto é pobre, mora com os tios que o criaram, e apesar de brilhante, é pouco popular no colégio. Um dia, ele é picado por uma aranha radioativa e desenvolve força e agilidade proporcionais às de um aracnídeo. O que já deixa os fãs irritados é a péssima tradução nacional do título. Qualquer dicionário vagabundo explica que "amazing" significa incrível, espantoso ou maravilhoso, e nunca "espetacular'. Mas, após uma brevíssima introdução, onde é possível entender que os pais de Peter, Richard (Campbell Scott) e Mary (Embeth Davidtz, são obrigados a fugir para proteger um segredo, deixando o menino com os

tios Ben (Martin Sheen) e May (Sally Field). Criado por eles, Peter Parker (Andrew Garfield) torna-se um adolescente introvertido, diferente dos colegas esportistas, que fazem dele alvo de brincadeiras de mau gosto e até de saco de pancadas. Seus únicos prazeres são a velha máquina fotográfica e o inseparável skate. Um dia, ele encontra uma velha pasta de seu pai, com diversas anotações de suas pesquisas científicas. Perguntando ao tio, ele lhe informa que o pai trabalhava em conjunto com o Dr. Curt Connors (Rhys Ifans), um cientista que desenvolvia trabalhos ligados à biologia na poderosa empresa Oscorp. Connors estava desenvolvendo uma pesquisa de mistura genética com insetos, com o propósito de recuperação de membros amputados, por exemplo. Ele mesmo era vítima disso, já que perdera parte do braço. Quando Peter vai à procura de Connors, ele encontra sua colega de classe, Gwen Stacy (Emma Stone), por quem se sente atraído. Mas, além de surpreender a colega, ele consegue entrar em uma sala isolada e é

picado por uma aranha geneticamente modificada. Ao acordar, no dia seguinte, Peter se descobre com estranhos poderes, como a força muscular aumentada, capacidade de dar grandes saltos, e de se "grudar" em qualquer superfície. A sensação de ter poderes é obscurecida pelo assassinato do tio Ben, que saíra à procura de Peter após uma discussão. Enfurecido, e sedento de vingança, ele se lança à procura do assassino, afrontando todos os criminosos que passam à sua frente. Para evitar ser reconhecido, ele passa a usar uma máscara. Enquanto a fama do novo justiceiro percorre a cidade, dois novos fatos afetam a vida de Peter. Ele ajuda o Dr. Connors em sua pesquisa, achando que está ajudando o velho amigo de seu pai. Já Gwen se interessa por ele, e o convida a ir à sua casa, onde ele descobre que ela é filha do capitão da polícia George Stacy (Denis Leary), o maior opositor do novo herói. Mas, a fórmula de Connors, apesar de refazer-lhe o braço, não apenas altera a sua forma, transforman-

do-o em um lagarto gigantesco, como também a sua personalidade, projetando toda a sua raiva e frustração contra a Humanidade. Sentindo-se responsável pela criação do monstro, Peter toma para si a responsabilidade de capturá-lo, e a grande batalha final acontecerá nas alturas do edifício da Oscorp, onde os efeitos do 3D ficam melhor na telona. Pessoalmente, sempre gostei mais do Homem-Aranha do que os outros heróis dos quadrinhos, pois sempre o considerei o mais humano de todos os super-heróis. Embora tivesse poderes, era pobre, vivia de bicos, sofria com as exigências do chefe, e ainda era achincalhado no próprio jornal para o qual prestava serviço. Andrew Garfield, que ficou famoso após interpretar o sócio brasileiro de Mark Zuckerberg em "ARede Social", consegue convencer como um estudante de 17 anos, graças a seu físico esguio, e a um bom desempenho cênico, embora as pessoas ainda tenham a imagem do Aranha muito associada a Tobey Maguire. No quesito mocinha, por outro lado, a troca foi ruim, saindo a charmosa Kirsten Dunst e entrando em cena a insossa Emma Stone, a típica loira de comerciais de pasta de dentes. O vilão, que é um papel tão importante quanto o herói, foi vivido com eficiência por Rhys Ifans, embora longe do Duende Verde de Willen Dafoe, ou do Doutor Octopus de Alfred Molina. Independente desses detalhes, "O Espetacular Homem-Aranha" é um filme de ação tecnicamente muito bem feito, com grandes cenas de ação, e que certamente ensejarão uma sequência. Apenas fique atento à tradicional aparição de Stan Lee, e não saia imediatamente da sala, pois tem uma cena adicional no meio dos créditos finais. (Título original: "The Amazing Spider-Man")


Esporte

Sexta-feira

Natal, 13 de julho de 2012

O Jornal de HOJE 15

AJUSTES FINAIS APESAR DOS DESFALQUES, ABC E AMÉRICA SE PREPARAM PARA OS JOGOS DESTE SÁBADO, PELA DÉCIMA RODADA DA SÉRIE B. NO ABC, O LATERAL DIREITO IVAN É A GRANDE NOVIDADE. NO AMÉRICA, ZÉ ANTÔNIO ESTÁ CONFIRMADO

O

ABC está a um passo de conhecer a zona do rebaixamento e tem jogo complicado fora de casa contra um adversário direto da parte de baixo da tabela, o Atlético Paranaense. O América se mantém entre os líderes, mas já se afastou três pontos do primeiro colocado e mantém uma diferença de quatro pontos para o primeiro time fora do G4. Ambos os times vêm de derrotas e a expectativa para essa rodada é de recuperação. Será o segundo jogo do novo comandante alvinegro, Ademir Fonseca, que durante a semana reclamou da grande quantidade de desfalques. O ABC não contará com três jogadores importantes do seu esquema tático. Entre os seis recém contratados três estão a disposição do treinador, porém apenas dois viajaram com a delegação para o Paraná, o lateral direito Ivan, que vai ser titular já amanhã, e o meia Fernando, que deve compor o banco de reservas. No América os desfalques tam-

Fotos: Wellington Rocha

bém não são novidade. O técnico Roberto Fernandes tem sempre citado a dificuldade que a competição tem imposto nesse sentido. Desta vez dois atletas estão fora. O zagueiro Cléber e o volante Ricardo Baiano são cartas fora do baralho. Durante a semana também foi cogitada a possibilidade de mudanças no gol, porém, nada foi confirmado pelo treinador. Zé Antônio ganha espaço na defensiva e Nata, mais uma vez, estará no time principal no meio campo. ABC e América entram em campo amanhã, ambos às 16h20. O ABC no Paraná contra o AtléticoPR e o América no Nazarenão, em Goianinha, diante do Ceará. SÉRIE B HOJE Dois jogos dão prosseguimento a décima rodada do Campeonato Brasileiro da Série B. O Goiás (9º) entrenta o América-MG (2º) no Serra Dourada. Na zona de rebaixamento um confronto direto interessante, o Ipatinga (19º) enfrenta o Barueri (20º).

O volante Nata, apesar de reserva, tem sempre aparecido entre os titulares devido ao grande número de desfalques do América nos últimos jogos

Mais uma vez o atacante Washington terá oportunidade entre os titulares para provar que não esqueceu de como se marca gols

TRT-RN condena América a pagar R$ 63 mil ao goleiro Rodolpho O goleiro Rodolpho foi ídolo da torcida alvirrubra nas temporadas 2009 e 2010

A 10ª Vara do Trabalho de Natal condenou o América Futebol Clube a pagar R$ 63.736,10 ao atleta Rodolpho Henrique Alves Corrêa. O goleiro defendeu o América em dois períodos, de janeiro de 2009 a no-

vembro de 2010 e, ao ser dispensado, em janeiro deste ano, entrou com uma ação na justiça cobrando o pagamento de férias, de gratificações natalinas e de diferenças nos depósitos do FGTS, pagos pelo

clube sobre um salário de R$ 3 mil mensais e não sobre o salário real percebido pelo atleta. Rodolpho demonstrou, apresentando várias cópias de cheques, que percebia salários de R$

10.500,00 - de janeiro de 2009 a abril de 2010 - e de R$ 12.500,00 - de maio de 2010 a novembro de 2010. O América contestou os valores pagos, mas não comprovou os pagamentos.

> UFC

> AMANHÃ

Primeiro round: luta contra a balança

Rugby faz jogo decisivo

O potiguar Renan Barão ainda não está pronto para a luta contra o americano Urijah Faber no próximo UFC 149, marcado para o dia 21 de julho, no Canadá. Antes de entrar no octógono para decidir quem ficará com o cinturão interino da categoria galo do maior evento de MMA do mundo, Barão precisa passar pela balança, ou seja, bater o limite do peso: 61,8 quilos. Para isso, o brasileiro começou nesta semana a dieta e o trabalho de desidratação. A expectativa é que, desta vez, mesmo estando mais pesado (começou a dieta pesando 74 quilos), Renan Barão perca peso mais rápido e sem tanto esforço. Isso, porque o peso extra é consequência de um trabalho de preparação física específico, desenvolvido pelo preparador Thiago Macedo, que o acompanha no Rio de Janeiro, onde Barão treina na academia Nova União - matriz da Kimu-

Divulgação

Renan Barão deve perder aproximadamente 13kg até o dia da pesagem ra Nova União, de Natal. "Até agora não tive que fazer muito esforço não. Estou baixando o peso na paz", garantiu o potiguar.

A pesagem para o UFC 149 acontece na sexta-feira, dia 20, um dia antes do evento. Depois de bater o peso, a expectativa é que Renan

Barão ganhe, de um dia para o outro, mais de 10 quilos, apenas com o trabalho de reidratação e nutrição, também feitos com acompanhamento profissional. "Esse acompanhamento feito pelo Thiago Macedo e pelos outros profissionais tem sido muito importante para diminuir o estresse que é a perda de pesa e a recuperação após a pesagem". Renan Barão entra no octógono para a última e principal luta do UFC 149. Quem vencer, fica com o cinturão da categoria galo. Além do retrospecto de 29 lutas sem derrota, o brasileiro tem a seu favor também a ajuda dos companheiros da Nova União. Jair Lourenço, mestre de jiu jitsu de Barão em Natal, inclusive, está no Rio de Janeiro para auxiliá-lo nesta fase final de preparação. "Tem sido muito importante a ajuda de todos para me manter focado nessa luta tão importante".

Gabriel Negreiros GABRIEL NEGREIROS - gabrielnegreiros@gmail.com - twitter: @gabrielnegreiro

Décima rodada Amanhã os clubes do RN fecham a décima rodada do Campeonato Brasileiro da Série B. Após 10 jogos, já é possível traçar um perfil do que teremos durante toda a competição. Já ouvi vários treinadores mapearem a disputa pelo número de rodadas. O planejamento de pontos conquistados também segue essa lógica. Todo mundo

ainda cita que a competição está apenas no início, mas muita água já rolou. Estamos perto chegar a um 1/3 do campeonato. Os jornalistas do Rio Grande do Norte já tem pós graduação em matemática anti-rebaixamento. Tomara que essa contas sejam deixadas de lado e que não seja necessário utilizar nosso conhecimento.

O CAMISA 10 A listagem da numeração da seleção brasileira foi divulgada e Oscar vestirá a camisa 10. Justíssimo pelo que jogou nas últimas apresentações e, principalmente, pelo que não joga Paulo Henrique Ganso há muito tempo. Logicamente o número não definirá o titular, apenas dá uma noção inicial do pensamento da comissão técnica. Sou mais Oscar!

PEDRINHAS PORTUGUESAS O calçadão de Ponta Negra será interditado, reformado, colocado novamente a disposição para os usuários. Como praticamente de diversos esportes faço um apelo aos que irão fazer a obra. PELO AMOR DE DEUS, ESQUEÇAM ESSAS PEDRINHAS PORTUGUESAS! É o que há de pior para quem pratica esportes. Horrível para caminhadas, corridas. Se apenas uma

não ficar bem fixada o calçadão já fica comprometido. Além disso, impede qualquer outra atividade, como patins, skate, etc. Para piorar, as pedras portuguesa dificulta a limpeza e a mão de obra é bem mais cara para instalação e manutenção. Quem vai a praia e quer caminhar descalço, o sofrimento é ainda maior. Então, por favor, eu implo, esqueçam essa milacria. FUTEBOL AMERICANO DO RN O América Bull UNI-RN estreou no Campeonato Brasileiro da categoria com uma vitória que sobre o maior rival, o Natal Scorpions. O time rubro venceu por 39 x 14 e manteve o tabu e aumentou a sequência de vitórias sobre o rival. Até o momento são 9 jogos e 9 vitórias. A partida foi realizada no Estádio Municipal Augusto Gomes da Rocha, na cidade de São Paulo do Potengi. O próximo compromisso do time será contra o Ceará Cangaceiros, em Fortaleza, dia 28/07.

ONEBRASA JIU JITSU Na última semana tive a oportunidade de fazer um treinamento na academia One Brasa, de Jiu Jitsu, localizada no Aero Clube. Fui recebido pelos professores Thiago Francisco, meu amigo de longa data, e o xará dele, Thiago Barreto, campeão mundial de Jiu Jitsu. Passei minha adolescência nos tatames e após 13 anos voltei a vestir um kimono. A mente até que ainda entende um pouco, o corpo é que não obedece. Vou me esforçar em mais algumas tentativas. No final de semana a academia OneBrasa participou do campeonato mossoroense da categoria e ficou com a primeira colocação geral. COPA DO BRASIL Ainda bem que no próximo ano a Copa do Brasil receberá o reforço dos times que participam da Libertadores. Vai melhorar consideravelmente o nível da competição. Jogos mais duros, equipes mais fortes, competição mais valorizada

Acontece neste sábado, 14, a grande final da Liga Nordeste de Rugby entre Alecrim UNI-RN Rugby e Maranhão Rugby Clube. A equipe potiguar é favorita ao título, que garante uma vaga para a Copa do Brasil, este ano. O jogo está marcado para às 15h, no campo da UNIRN (Antiga FARN). O time entrará em campo com vontade de vencer. "Estamos nos preparando muito para essa conquista que pode nos consagrar tricampeões do Nordeste. Com o título, faremos parte da chamada elite do rugby brasileiro, e poderemos competir com times do Sudeste e Sul do Brasil e até de fora do país", garante o potiguar Victor Medeiros, que faz parte da Seleção Brasileira de Rugby. Atualmente o Estado é bicampeão nordestino no esporte, possui dois atletas na seleção brasileira e vem se fortalecendo a cada dia. "Nossa equipe esta mais experiente

e visada. Aos poucos estamos adquirindo mais apoio e, além disso, seis jogadores do RN já tiveram a experiência de ter sido convocado para a seleção brasileira de rugby, algo inédito entre os times do Nordeste do Brasil", afirma o técnico Franco, exjogador profissional de rugby, com experiência como treinador de times da África do Sul e Europa. O desafio entre as duas equipes marca o final da etapa Nordeste e garante, automaticamente, a disputa na Copa do Brasil, que começa dia 28 de Julho, com o primeiro jogo também em Natal-RN. ALECRIM UNI-RN RUGBY X MARANHÃO RUGBY CLUBE Dia: Sábado, 14/07. Horário da partida: 15h (com 2 tempos de 40 minutos) Local: Campo UNI-RN (antiga FARN/Henrique Castriciano), Petrópolis. ENTRADA FRANCA

PisandonaBola AMÂNCIO

amancionatal@gmail.com / www.chargistaamancio.blogspot.com


16 O Jornal de HOJE

Natal, 13 de julho de 2012

Esporte

Oscar é o camisa 10 A SELEÇÃO OLÍMPICA QUE IRÁ SE APRESENTAR EM LONDRES JÁ TEM O CAMISA 10. O MEIA OSCAR, COM AS BOAS ATUAÇÕES JUNTO A SELEÇÃO PRINCIPAL, FICOU COM A NUMERAÇÃO TITULAR. PAULO HENRIQUE GANSO APARECE COM A 16 O número da camiseta pode não representar a titularidade, mas já demonstra um primeiro passo em relação as intenções do técnico Mano Menezes em relação ao time titular do Brasil que disputará as olimpíadas de Londres. A Fifa divulgou na manhã desta sexta-feira a lista dos 504 jogadores de futebol que disputarão o ouro olímpico em Londres e a numeração das equipes. Na seleção brasileira a numeração é bem parecida com que o técnico brasileiro tem colocado em campo nos treinos da equipe, no centro de educação física do Exército, na Urca, Rio de Janeiro. Do número 1 ao 11, o único jogador que não inicia como titular a preparação para Londres é o meia-atacante Lucas, que vestirá a camisa 7. Hulk, um dos titulares, por sua vez, será o número 12. Uma das grandes interrogações deste início de competição é em relação ao sistema de criação da seleção. Oscar ou Ganso entre os titulares. A primeira impressão, analisando a numeração, é que Oscar levou a melhor. Eles vestirá a

Fotos: Divulgação

CONFIRA A NUMERAÇÃO DA SELEÇÃO EM LONDRES

Na seleção brasileira a numeração é bem parecida com que o técnico brasileiro tem colocado em campo nos treinos da equipe camisa número 10, enquanto Paulo Henrique Ganso fica com o número 16. Ganso tem sofrido com as lesões seguidas e desfalcou a equipe do Santos em momentos importantes da Libertadores. Ao se apresentar à seleção brasileira, o meia passou por testes coordenados pelo médico José Luiz Runco, que afirmou que o jogador estava em ple-

nas condições, precisando apenas se adequar a um melhor ritmo de jogo. Outra dúvida que parece esclarecida é na lateral direita. Rafael e Danilo disputavam a posição palmo a palmo. O lateral do Manchester United, Rafael, parece ter dado o primeiro passo em vantagem, já que na listagem aparece com a camisa número 2. Danilo está na relação com a 14.

1 - Rafael Cabral 2 - Rafael 3 - Thiago Silva 4 - Juan 5 - Sandro 6 - Marcelo 7 - Lucas 8 - Rômulo 9 - Leandro Damião 10 - Oscar 11 - Neymar 12 - Hulk 13 - Bruno Univi 14 - Danilo 15 - Alex Sandro 16 - Ganso 17 - Pato 18 - Neto Lista reserva 19 - Marquinhos 20 - Giuliano 21 - Casemiro 22 - Gabriel

> CBF

Fifa diz que 'suborno é normal para povos da América do Sul e África' A Fifa divulgou na última quarta-feira o processo que confirma que os brasileiros João Havelange, ex-presidente da entidade, e Ricardo Teixeira, ex-mandatário da CBF, receberam suborno da empresa de marketing ISL. Além de atestar o recebimento dos valores pelos dirigentes, o documento também 'explica' porque a entidade máxima do futebol não crê na devolução do dinheiro. Em um dos trechos do texto, o Tribunal da cidade suíça de Zug revela a argumentação dos advogados da Fifa, afirmando que a proposta de que os cartolas devolvessem o dinheiro para os cofres da entidade não seria possível. Isso porque, segundo a Fifa, os 'subor-

nos são partes integrantes do salário da maioria da população da América do Sul e África. "Os representantes legais da Fifa são da opinião de que a devolução do dinheiro seria quase impossível. A justificativa é dada com o argumento de que uma queixa da Fifa na América do Sul ou África dificilmente seria aceita, já que pagamentos de subornos pertencem ao salário recorrente da maioria da população", diz o documento. Segundo o processo, Teixeira recebeu US$ 13 milhões (em valores atualizados) entre 1992 e 1997 da ISL, enquanto Havelange ganhou US$ 1 milhão (também em valores atualizados) em 1997 da empresa de marketing em troca de

Teixeira recebeu US$ 13 milhões vantagens no processo de venda dos direitos de transmissão da Copa do Mundo. Em nota oficial divulgada no

seu site, a Fifa comemorou a decisão dos nomes dos envolvidos terem se tornado públicos e da confirmação de que a entidade não está diretamente envolvida com o escândalo, nem o seu atual presidente - Joseph Blatter -, mas "apenas dois dirigentes estrangeiros". Nesta quarta-feira, o Supremo Tribunal da Suíça decidiu que a liberação dos documentos, solicitados por órgãos de imprensa sobre a investigação criminal, encerrada em maio de 2010, eram de interesse público. Quando o caso foi finalizado, os dirigentes envolvidos, que agora se sabe que são Teixeira e Havelange, pagaram 5,5 milhões de francos suíços sob a condição dos seus nomes não serem revelados.

> FLAMENGO

Fracassam as tentativas por Diego Um nome de peso. Um jogador para amenizar as críticas da torcida e tirar um pouco do foco em cima da pressão sofrida pelo técnico Joel Santana nas últimas semanas. Esse nome seria o meia Diego, ex-Santos e com passagem pela seleção brasileira. Porém, as tentativas iniciais foram frustradas e nesta quinta-feira, o diretor de

futebol Zinho e o vice de finanças Michel Levy, principais entusiastas da contratação do meia, receberam uma resposta verbal negativa do Wolfsburg, que ainda hoje deve oficializar a decisão. No primeiro contato com o Wolfsburg, o Flamengo se comprometeu a pagar ao jogador R$ 500 mil de salário por um ano,

num total de R$ 6 milhões. A Volkswagen, acionista do clube alemão, arcaria com a outra metade do salário do meia e investiria R$ 7,5 milhões. Em contrapartida, estamparia sua marca no espaço nobre da camisa do Flamengo pelo período de um ano. Além de Diego, o nome de Riquelme foi muito citado nos úl-

timos dias e com a decisão do time alemão em não liberar o brasileiro, o argentino pode voltar a ganhar força. A janela de transferências internacionais vai ser fechada dentro de uma semana, no dia 20. Ou seja, é necessário se apressar para não perder a oportunidade de reforçar o setor mais carente da equipe.

Sexta-feira

Passe Livre

RUBENS LEMOS FILHO - r.lemosfilho@uol.com.br

Doente do pé Entregue um pandeiro a um galego finlandês e deixe-o tocar até cansar na quadra da Portela, no Rio de Janeiro. Antes de passar o instrumento ao turista, providencie 200 caixas de Naprozin 500 miligramas, um verdadeiro míssil contra uma doença insuportável chamada enxaqueca. O finlandês vai deixar a Velha Guarda com a cabeça latejando de tanto tocar ruim. Ele nunca saberá dominar um pandeiro, uma cuíca, um reco-reco, peças do genuíno samba de morro que a molecada conhece cedo e passa a conviver como numa relação amorosa. Até certo tempo, todo gringo que enfrentava o futebol de salão do Brasil sofria igual ao hipotético finlandês do pandeiro. Apanhava até de 24x0 numa supremacia que dava orgulho. O Brasil, no futebol de salão, sempre esteve como o basquetebol para os norte-americanos. O domínio brasileiro veio do molejo e da liberdade criativa. O espaço no futebol de salão era curto e para se dar bem, o cara tinha de ser malandro, habilidoso, cheio de ginga, como os pandeiristas cariocas. Tinha que saber driblar. Caso contrário, era considerado um otário. Menino bom de bola na rua primeiro procurava o futebol de salão num clube. Os técnicos de antigamente pouco ligavam para preparação física ou esquemas táticos defensivos. Em Natal, perguntem por Olinto Galvão, formador de gerações e gerações de malabaristas em espaço curto e de vencedores natos. Olinto Galvão treinou o América e a seleção do Rio Grande do Norte e priorizava a categoria. Procurem saber quem foi Cezimar Borges. Cezimar tinha um apelido sintomático, "Barriga". Fazia gols de bicicleta no Ginásio Silvio Pedroza e depois no então moderno Palácio dos Esportes Djalma Maranhão, hoje mais um entulho destruído pelo poder público que descerá as escadas do palácio em janeiro. Aproveitem e perguntem também por Salvador Lamas, um gênio e um gentleman, que, jogador do América, forneceu o uniforme do ABC para uma decisão no final da década de 1950. O ABC foi campeão, mas Salvador Lamas nunca deixou de ser reconhecido como um craque, dentro e fora de quadra. Converso muito sobre futebol de salão com o funcionário aposentado do Banco do Brasil e atual presidente do Instituto de Previdência dos Servidores do Estado, José Marlúcio Diógenes Paiva. Zé Marlúcio é uma figura agradável e mantém aquele andar cowboy de quem jogou futebol de salão nos tempos áureos de ABC, América e Bola Preta. Zé Marlúcio jogou até no Francisco Lorda, um histórico time cearense que rivalizava com os potiguares. Ele me conta, saudosista, que eram clássicos de muita habilidade e eu me penitencio por não ter nascido naquele tempo para ver. Zé Marlúcio é do tempo de Glauco(Bola Preta), que anda com o joelho enfaixado e comigo sempre conversa quando vou fazer supermercado de remédio aqui pelo Tirol. Batemos papo na farmácia. >>> Tive o privilégio de assistir à supremacia do Sumov(CE), do tempo de Leonel, um baixinho estupendo, de Cacá, Branquinho. O Monte Sinai do Rio de Janeiro, cheio de rebolado, tomou de 8x5 em Natal em 1980, final da Taça Brasil. Eu era um dos milhares que se acotovelam, maravilhados, no Palácio dos Esportes. O futebol de salão era jogado como um xadrez de tensão, de passadas medidas, de lançamentos ensaiados, de chutes de sem-pulo fenomenais, de fintas descadeirantes. De gols maliciosos. Assim o Brasil ganhava tudo. Veio o tempo do mineiro Jackson, um ala pela esquerda que grudava a bola no pé e passava pelos adversários como um estafeta apressado indo ao banco pagar as contas da empresa. Jackson dava a impressão de atravessar os marcadores por dentro. Ele criava, o paulista Douglas, extraordinário pivô, finalizava. Chegou a geração gaúcha, do fenomenal time da Enxuta. Quem viu Morruga jogar, pode se considerar resolvido na vida esportiva. O homem era demais. Transformava espaço curto em uma fazenda maior que todo o Amazonas. Ele e Ortiz de pivô. Também vi, com esses olhos de miopia e astigmatismo, com nitidez de um lago bem limpo, as jogadas de Manoel Tobias, pernambucano universal, de dribles tão sublimes, que pareciam deboche. Vi Choco, um negro imenso e intenso de qualidade, jogando de pivô como se fosse um Cláudio Adão transposto dos gramados. E Falcão. O ilusionista brasileiro, de jogadas de David Copperfield, o mágico, de lençóis, gols de letra, de peito, de bunda, de calcanhar, de cabeça, de unha encravada. Falcão, o solitário, seria o título de um filme que eu faria, se dinheiro tivesse. Falcão é o que resta do futebol de salão que já foi. Mudaram o nome para futsal. Como se o samba passasse, por subserviência, a ser chamado de samjazz, ou samrock. Adaptaram o dialeto. Passe virou assistência, cópia do basquete americano. Nunca esquecerei os nativos Dennis, Sílvio, Agamenon, Juca, Gileno, Clóvis, Uirandé, Franklin, Charles, Anderson, Revson. Depois, brutamontes passaram a ser prioridade. Idiotas que nada conhecem de bola, apenas de força física, infestaram os clubes. O futebol de salão está morrendo no Brasil que já havia dançado, há longas valsas, no futebol de campo. E até no futebol de areia. Horrível a seleção brasileira que jogou em Natal e vai ao Mundial. Se o tal finlandês imaginário insistisse no pandeiro, proporia uma medíocre mudança de letra de uma marcha antiga. O brasileiro, em qualquer futebol, está doente do pé.


Cultura

Sexta-feira

Natal, 13 de julho de 2012

O Jornal de HOJE 17

Renato de Melo Medeiros

"Sem Parar"

NESTE SÁBADO, DIA 14, O CANTOR E COMPOSITOR MARIANO TAVARES SOBE AO PALCO DA CASA DA RIBEIRA PARA LANÇAR SEU SEGUNDO ÁLBUM Seu trabalho busca atingir a criação de uma sonoridade que venha a ser extremamente pessoal e intransferível, um conceito poético, melódico e harmônico que possa soar, ao mesmo tempo, contemporâneo e atemporal, regional e universal. Como um olhar que se lance sobre a paisagem da canção popular, mas também (e principalmente) sobre sua evolução e seu futuro. Neste sábado, dia 14, o cantor e compositor Mariano Tavares sobe ao palco da Casa da Ribeira para lançar seu segundo álbum, "Sem Parar". Seis anos depois do elogiado CD "O SoBrado", seu álbum de estreia, em "Sem Parar" Mariano apresenta 10 faixas compostas por ele, sendo três em parceria, além de uma releitura de "How Should I Your True Love Know", canção renascentista composta por William Shakespeare para o clássico da dramaturgia universal "Hamlet". Segundo o próprio compositor, o título do novo trabalho foi retirado da canção que abre o disco, mas também se refere à relação que mantém com o palco e

com a canção, que apesar dos aparentes hiatos, nunca se interrompe. Na perspectiva do artista, involuntariamente o álbum acabou resultando num grupo coeso de canções que, cada uma a seu modo, acabam dialogando com a idéia de tempo, e se reportando "à continuidade de tudo aquilo que não controlamos no mundo: a natureza, o sonho, o amor, o acaso, a beleza, o futuro, a inocência, a morte; tudo aquilo que desliza nos espaços da vida, continuamente, ininterruptamente, sem parar". Mariano Tavares iniciou sua carreira em 1994. E, trilhou o mesmo percurso que a maioria dos iniciantes fazem: tocou e cantou em bares e espaços culturais de Natal, Açu e Mossoró - onde é professor de Literaturas Norteamericana e Inglesa na Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN). Ao mesmo tempo em que se aprimorava como intérprete, ele também foi compondo suas próprias canções, marcadas por uma musicalidade e uma poesia altamente sofisticadas, de uma beleza e requinte que ultrapassam as

fronteiras da música pop. Fronteiras que também não existem em suas influências, que vão desde medalhões do cancioneiro popular brasileiro da primeira metade do século passado aos contemporâneos norte-americanos Antony Hegarty, líder da banda Antony and the Johnsons, e Rufus Wainwright, compositor sobre o qual desenvolve pesquisa acadêmica. Outras influências musicais, poéticas, estéticas e conceituais de Mariano foram o movimento tropicalista, ocorrido no Brasil nos anos 1960, e o músico britânico John Cale, integrante da mítica banda norte-americana The Velvet Underground, uma das bandas seminais do rock conceitual. O resultado de todas essas in-

formações foi o elogiado álbum: O SoBrado, seu debut, lançado em 2005, um álbum marcado pela transversalidade e superposição de camadas sonoras e poéticas. De lá para cá, suas apresentações são marcadas por uma teatralidade/dramaticidade que encantam pela excelência. O show de lançamento do novo CD é baseado principalmente nas canções do álbum, onde reconstitui sua sonoridade ao mesmo tempo universal e regional, contemporânea e tradicional, para compor pequenas reflexões sobre o tempo do amor, do sonho, da natureza e da morte. A banda que acompanhará o cantor é formada por músicos preeminentes da cena potiguar que participaram diretamente da

Cultura HOJE DANIELA PACHECO - danipacheco@hotmail.com EDITAL O Programa Natura Musical encerra suas inscrições neste domingo, dia 15. O Programa, destinado a pessoas físicas e jurídicas, vai contemplar iniciativas de todos os estágios da produção cultural: desde a gravação de CD, DVD, turnê de shows ou festival, produção de filmes, livros, até mesmo projetos de pesquisa, resgate de acervo ou ação educativa que tenham a música brasileira como foco principal. Para participar da seleção, os interessados devem acessar o site institucional http://www.natura.net/patrocinio ou o Portal http://www.naturamusical.com.br - que disponibiliza o Regulamento do Edital Nacional na íntegra - e preencher todo o formulário eletrônico.

elaboração do cd: o pianista e coprodutor do álbum, Humberto Luiz (teclado, contrabaixo) e o guitarrista Alison Brazuka (violões, guitarra), além do baterista Gustavo Almeida. Juntos, o trio forma a banda Brazuka Jazz, que atua no cenário da música instrumental em todo o Brasil. No repertório do show, Mariano Tavares incluiu ainda a canção Idade de Ouro (poema do Francês Arthur Rimbaud musicado pelo compositor, inédita em disco), novas versões para algumas canções de seu primeiro álbum (Dias de Espera, Disfarce e Carnaval), além de releituras para clássicos de Raimundo Fagner, Los Hermanos e Gilberto Gil. Em Sem Parar, Mariano Tavares apresenta 10 faixas compos-

tas por ele, sendo três em parceria: uma delas com a poetisa e atriz Civone Medeiros ("É Dando Que Se Recebe"), outra com o designer Hugo Vargas Soliz ("It's Not For Us") e a terceira com o cantor e compositor Romildo Soares ("Sacrifício"). Além dessas, há uma releitura personalíssima de "How Should I Your True Love Know", canção renascentista composta por William Shakespeare para o clássico da dramaturgia universal "Hamlet". A canção "Sacrifício" (Mariano Tavares/ Romildo soares) também integra o repertório do DVD Dos Pés à Cabeça, do coral Harmus (Fundação José Augusto), que será lançado ainda neste semestre, do qual Mariano participa como intérprete.

Fotos: Divulgação

com Dani Pacheco

DIA DO ROCK Rock é sinônimo de atitude. E, para os que têm atitude e quer comemorar o Dia Mundial do Rock hoje o grupo paulista de punk rock Tuna divide o palco com as bandas potiguares Discarga Violenta, Catarro, Pureza Genocida e Combustão Espontânea, a partir das 20h, no Woodstock Bar (rua Ferreira Chaves, 71, Ribeira). + ROCK Nesta sexta acontece também os shows das bandas La Grange e Black Sabbath Cover, a partir das 22h, no Hell's Pub, em Candelária. IMPERDÍVEL - O encontro musical que acontecerá neste sábado, às 22h, no espaço Crepe 1, na entrada de Pium entre Pedro Mendes e Sueldo Soares (foto). A ideia é fazer um show mesclando as musicas autorais mais representativas dos dois talentos potiguares. E, ainda contam com a participação dos músicos Ismael Miranda (contrabaixo), Darlan Marley (bateria) e Ricardo Baia (guitarra).

AMANHÃ O Centro Cultural Dosol que comemora oito anos de atividades preparou uma programação especial para celebrar a data junto com o Dia do Rock. A programação começa às 17h, com shows gratuitos e com as seguintes atrações: Kung Fu Johnny, Jubarte Ataca, Red Boots, Monster Coyote, e fechando a programação, o hardcore veloz da banda Cabrones.

HOJE E, as bandas DuSouto e Rosa de Pedra (foto) dividem o palco do Centro Cultural DoSol numa festa que promete arrepiar esta sexta-feira 13, a partir das 22h.

SARAU Nesta sexta-feira, 13, às 18h, acontece o sarau poético com apresentação de poetas e cordelistas. E, participação especial de Dudé Viana, Américo Pita e Itan Brasil, na Potylivros do Praia Shopping. A entrada é gratuita.

CMYK


Natal, 13 de julho de 2012

18 O Jornal de HOJE

Cultura

Sexta-feira

Musicomania CONRADO CARLOS - ccpsilva@hotmail.com

CD: CLÁSSICA

Trilha fúnebre e oceânica ÚLTIMO TRABALHO DO EX-BEE GEES ROBIN GIBB, MORTO EM ABRIL PASSADO, VÍTIMA DE CÂNCER DE CÓLON E NO FÍGADO, THE TITANIC REQUIEM É UMA INCURSÃO ERUDITA PELAS PROFUNDEZAS DO TRÁGICO ACIDENTE NAVAL Robin Gibb foi um dos mais bem sucedidos compositores na história da música popular britânica. Difícil imaginar o cenário pop sem o som que ele criou com os irmãos Barry e Maurice, de quem era gêmeo. Anos 1970 e Bee Gees são inseparáveis. Toda uma geração cresceu ouvindo a disco e o soul do grupo familiar que tem lugar garantido nos anais da música no século 20. Réquiem para o Titanic é a primeira obra clássica composta por essa verdadeira lenda que é Robin Gibb. O concerto sinfônico foi gravado ao longo do ano passado e assinala a primeira colaboração com seu filho Robin-John Gibb, o RJ. Gravado durante sessões no Air Studio, em Londres, The Titanic Requiem é interpretado pela Royal Philarmonic Orchestra e inclui o RVSP Voices Choir, além do notável tenor Mario Frangoulis e da menina prodígio Isabel Suckling – em Christmas Day ela beira o sublime. O trabalho fez parte da comemoração do 100º aniversário da lendária catástrofe do navio inglês,

que culminou com a morte de 1523 pessoas, em 1912 – uma das maiores engenhocas construída pelo homem. “Nós fomos convidados para escrever algumas canções, o que nos emocionou bastante [...] nós tínhamos que fazer justiça e criar alguma coisa que representasse apropriadamente mil e quinhentas almas que haviam perecido”, afirmou Robin pai. Ele segue afirmando para a gravadora que “[...] foi obviamente um evento traumático, mas nós precisávamos nos lembrar, e o trabalho que nós fizemos veio do nosso desejo de motivar, educar e engajar o ouvinte numa forma que fosse artisticamente agradável”. Para os Gibbs, a história do Titanic os chamava às profundezas do Atlântico. A ideia do réquiem veio do treinamento musical de RJ e do seu conhecimento do Latim. “Eu disse para meu pai: ‘Vamos fazer o requiém baseado na missa latina, no sentido latino da palavra, parece ser a forma certa de expressar o que sentíamos a respeito do Titanic”.

Para o filho, o processo criativo foi muito especial. “Musicalmente, para mim, o reuqiém se inspira no barroco, nos períodos românticos e clássicos, mas, ao invés de tentar ser avant-garde, nós viemos com um novo trabalho que consideramos muito original”. Dada a bagagem de Robin pai como compositor, as três peças deste The Titanic Requiem valorizam as vocalistas e o coral. Gibb em pessoa canta “Daybreak”, em dueto com Mario Frangoulis – “é provavelmente uma das mais importantes composições que já fiz”. Em “Don’t Cry alone” Robin canta sozinho, em tom nostálgico – o inglês morreu em maio deste ano, aos 62 anos, decorrente de cânceres de cólon e no fígado, semanas antes do lançamento do The Titanic Requiem no Reino Unido. A voz forte e etérea encaixa perfeita nos bonitos arranjos – o clima do disco é de uma homenagem póstuma, triste e reverente. Ao mesmo tempo clássica e contemporânea, a música de Titanic Requiem serviria como trilha ideal para uma versão mais séria

do filme de James Cameron. Já debilitado pelo câncer, Robin Gibb não foi à cerimônia inaugural, em abril passado. Assim como a tragédia naval, as quinze faixas transportam o ouvinte por mares nunca dantes navegados. Feito um mergulhador que explora o mar sem oxigênio, somos sufocados pelo ambiente carregado de sentimento, sobretudo pela morte posterior do capitão Robin.

The Titanic Requiem Artista: Robin Gibb e RJ Gibb Gravadora: ST2 MUSIC

CD: JAZZ

TESOURO DESENTERRADO Em meados dos anos 1960, o renomado pianista Larry Nash juntou uma banda de primeira para gravar um disco antológico: “The Beggining”. O nome do projeto foi Jazz Symphonics, que acaba de ser lançado lá fora pelo selo Ubiquity Records. Se Igor Stravinsky dizia que comparar não é racionar, faço uma ressalva para que as quatro faixas soam com o que de melhor produziram o trompetista Lee Morgan, autor do clássico “The Sidewinder”, e o saxofonista Ornete Coleman, com seu free jazz alucinante. A abertura com “Athena”, a deusa grega da sabedoria, das artes, da habilidade, mas também da guerra, tem no sax Rickey Woodard o dinamismo e a melodia necessária para fisgar o ouvinte em questão de segundos. “Apollo” traz o cool jazz como base, por dez minutos de sublimação musical. Já “Fresj Egg Boxes” é puro atonalismo.

Um solo de bateria desconcertante prepara o terreno para experimentaçõe. E “Wierd Sisters” encerra com precisão esse item obrigatório na discoteca de qualquer jazzista. C.C.

The Beggining Artista: Jazz Symphonics Selo: Ubiquity Records Preço: U$ 13,99 + frete (amazon.com)


Cidade

Sexta-feira

Natal, 13 de julho de 2012

O Jornal de HOJE 19

Heracles Dantas

CASA PARA CLINICA, ESCRITÓRIO DE ADVOCACIA OU EMPRESA PRESTADORA DE SERVIÇOS Aluga-se no bairro de Lagoa Nova, perto de tudo, a pouco mais de 100 metros da Av. Salgado Filho, em rua sem problema de estacionamento, uma casa com 500 m2 de área construída servindo para fins comerciais. R$ 4 mil. Tratar direto com o proprietário pelo tel. 9981-9395.

Depois da greve: fim do 1º semestre letivo da Uern será em novembro C ATEGORIA

AINDA AGUARDA ENVIO DO

O término do primeiro semestre de 2012 da Universidade Estadual do Rio Grande do Norte será no dia primeiro de novembro. Após uma greve de 57 dias dos docentes e técnicos administrativos da Uern, o calendário de aulas foi reformulado para o cumprimento dos 100 dias letivos previsto para o semestre, o que equivale a 19 semanas. De acordo com assessor da pro-reitoria de Graduação, Hélio Costa, a principal dificuldade para a concepção do novo calendário foi conciliá-lo ao calendário civil. "Tivemos desencontro do calendário letivo para o civil, mas fomos adequando e se for neces-

sário, faremos alguma mudança para gradativamente o calendário civil se aproximar do calendário letivo. As aulas iniciaram no dia 23 de abril e terminaram no dia dois de maio com o início da greve. Retornamos no dia 02 de julho e vamos até primeiro de novembro, com oito sábados letivos, alternados. Também está previsto o recesso entre 2 e 16 de novembro e o segundo semestre será iniciado em 19 de novembro e segue até 12 de abril, também com 100 dias letivos. Já as férias estão programadas para o período entre 15 de abril e 14 de maio", explicou. Ainda de acordo com Hélio

P ROJETO

DE

L EI

Costa, para o ano de 2013 a previsão é de que o primeiro semestre comece no dia 15 de maio. PROJETO DE LEI Após o termino da greve e a aceitação da proposta apresentada pelo Governo do Estado, que ofereceu um reajuste salarial - não vinculado à Lei de Responsabilidade Fiscal - de 8,5% em 2012, sendo 3,5% a ser pago ainda mês de julho e 5% pagos em setembro, 9% em 2013 e 10% em 2014, a categoria ainda aguarda o envio do Projeto de Lei para a Assembleia Legislativa, que deverá ser votado através de convocação extraordinária.

À

ASSEMBLEIA

De acordo com Lemuel Rodrigues, da diretoria da Associação dos Docentes e Técnicos Administrativos da Uern, o atraso na votação não deverá atrasar o pagamento do acordo firmado. "A informação que nos foi repassada é que o Governo está aguardando outras categorias e outras questões de ordem administrativa, para unir todas as pautas e convocar a Assembleia. Estamos acompanhando o processo e a nossa planilha já foi encaminhada à Controladoria e anexada ao Projeto de Lei. Acreditamos que isto não vai ser empecilho para que o pagamento do mês de julho, previsto no acordo, seja cumprido". Heracles Dantas

>IBRE/FGV

Gastos em férias escolares comprometem doze por cento do orçamento Durante as férias escolares, os gastos com serviços e alimentação para crianças e adolescentes acabam comprometendo 12% do orçamento familiar, de acordo com levantamento feito pelo Instituto Brasileiro de Economia da Fundação Getúlio Vargas (IBRE/FGV). O economista André Braz, do Ibre, elaborou uma lista com a inflação de 23 itens que estão entre os produtos e serviços mais procurados durante as férias escolares. Neste grupo, a alta dos produtos foi de 6,60%. Nos serviços, o aumento foi de 5,61%. Nos dois casos, a alta ficou acima da inflação medida nos últimos 12 meses até junho, que foi de 5,37% de acordo com o Índice de Preços ao Consumidor (IPC) medido pela FGV. A lista dos produtos mais procurados leva em conta que os gastos com "guloseimas" são maiores no período de férias. Entre os itens analisados, as maiores altas registradas foram de refrigerantes e água mineral comprados em supermercados (9,36%), batata frita (8,13%) e sorvete (8,10%). Nos serviços, os hotéis lideram a lista de maiores altas, com aumento nos preços de 11,72%, seguidos por clubes de recreação (8,34%) e ida ao cinema (8,18%). Registraram queda nos preços, no mesmo período, o refresco de fruta em pó (-1,05%) e as passagens aéreas (-1,70%). Nas despesas com os produtos essenciais, o custo com a Alimentação por pessoa foi de R$ 213,37. Para uma família constituída por quatro pessoas, esse valor alcançou R$ 853,48. Se a essa quantia fossem adicionados os gastos com vestuário, despesas pessoais, transportes, entre outros, o dispêndio total seria de R$ 2.631,81. Dos treze produtos que compõem a Cesta Básica, dez tiveram variações positivas: frutas (4,71%), tubérculos (3,91%), feijão (3,54%), açúcar (2,44%), legumes (2,25%) arroz (2,21%), pão (2,00%), leite (1,85%), farinha (1,78%), margarina (0,84%) e carne de boi (0,75%). Já as variações negativas ocorreram nos produtos óleo (-17,60%) e café (-0,04%).

Preço do quilo do feijão registrou acréscimo de 3,54%, segundo levantamento feito pela Fundação Getúlio Vargas

Movimento dos Navios APRONIANO CÉSAR

apronianocfs@hotmail.com

Transpetro recebe o navio Sério Buarque de Holanda do Programa de Extensão e Modernização da Frota NATAL Navio Hat Trick U27-NE Brasil Lagoa Carioca Lagoa Paranaense Orwell CMA-CGM Aristote H35-Amorim do Vale Jacarta Express Marfret Marajó Asia Spirit

Bandeira EUA Brasil Brasil Brasil Bélgica U. Kingdom Brasil Panamá França Hong Kong

Elka Promisse

Libéria

Agência Seamaster M. Brasil W. Sons W. Sons W. Sons CMA-CGM M. Brasil Superservice W. Sons Superservice

Chegada No Porto No Porto No Porto No Porto No Porto 14/07 14/07 15/07 21/07 30/07

Destino Designar ----Vigo/ESP BN Natal Santos(SP) Algecira/ESP CHINA

Carga Reabastecimento Navio Escola Em Operação Em Operação -Contêineres Hidrooceanográfico -Contêineres --

Descarga ----Draga --Peças Eólicas -Min. de ferro

TERMINAL OCEÂNICO DE UBARANA - GUAMARÉ - RN Petrobras

No Porto

Salvador(BA)

Óleo cru

--

TERMINAL SALINEIRO DE AREIA BRANCA - RN Alexandria Lugano

Dia 13 14

Grécia Suiça

A. Marítima No Porto A. Marítima 14/07

TÁBUA DE MARÉS Hora Altura (M) 12:13 1.8 18:23 0.8 00:47 1.9 07:04 0.7

Santos (SP) Santos (SP)

A PROGRAMAÇÃO É CHECADA DIARIAMENTE, PODENDO HAVER ANTECIPAÇÃO OU ATRASO DE ALGUM NAVIO

Sal Sal

Cheia

---

FASES DA LUA (03/07 - 15:52h)

Minguante

(10/07 - 22:48h)

Nova

(19/07 - 01:24h)

Crescente

(26/07 - 05:56h)


20 O Jornal de HOJE

Cidade

Natal, 13 de julho de 2012

Sexta-feira

Érika Nesi erikamnesi@hotmail.com

Fotos: www.bobflash.com.br

Look Book

Bandas

O mito da sexta-feira 13

Está marcado pra começar às 15h, com a apresentação do "Quarteto Linha", depois vem Pedro Luccas e sua voz inconfundível, só então subirá ao palco a banda Sambô. Pra finalizar com chave de ouro, o samba de "Tá no Dom" com Bagadão, que arrasa no vocal.

Hoje é sexta-feira 13. Para muitos, essa data vem impregnada de infortúnio ou má sorte, e até existem mesmo muitas lendas e crendices para tal, e os mais supersticiosos ficam com cabelo em pé. t t t

Apesar disso...

Mas, tenha calma! Apesar de tantos mitos associados a essa data, muitos a interpretam com um significado completamente oposto ao que foi aqui explicado.

Sinval e Maninha Dias

Diógenes da Cunha Lima, Antonio Gentil e Marluce, Janaina Mulatinho e João Bezerra

Patricia e George Ramalho

Fam Matos

t t t

t

De acordo com os princípios da numerologia, o treze, por meio da somatória dos seus dígitos, é um numeral próximo ao quatro, compreendido como forte indicio de boa sorte. Além disso, os indianos estadunidenses e mexicanos associam o numero à felicidade e ao futuro próspero.

Se você ainda não comprou seu ingresso, então corra no Empreendimento da Cyrela Plano & Plano, o Quartier de Lagoa Nova, e adquira. Ainda estava custando R$ 50.

Gilberto Costa e Fátima

t

Herculano Azevedo e Bruno Cury

Ilana Ribeiro e Rodolfo Cardoso

Super querida por uma imensidão de gente, Maninha Dias, festeira que só ela, passa o dia do seu aniversário viajando com o maridão Sinval. Diferente dos outros anos ela não vai reunir as amigas em torno da data hoje.

Ligia Limeira,Ney Junior e Rubinho Lemos

t t t

Sambô

Quem ainda não comprou o seu ingresso do Sambô está marcando passo. O evento que está bombado promete, a banda que esteve aqui no verão passado e lotou o Shock Bar, volta à Natal com seu show que não deixa ninguém parado. Karina Marusk, Nati Bandeira e Andrezza Varela

Organização

Os organizadores já provaram que sabem fazer evento de qualidade com segurança e conforto. Esse é o trade mark que faz as suas festas estejam sempre lotadas.

t

A dica da vez é o focar no olhos, utilize produtos que destaque o olhar como máscaras para cílios, delineadores e sombras esfumadas, além do lápis preto. Nesta produção a boca pode até ficar em segundo plano com batons rosados ou nude e as maças do rosto levam um toque de blush para finalizar. Já as mais ousadas podem optar por batons em tons vermelhos, vinho ou uva.

Colônia de férias da Praia Devassa

t t t

t

Olhos marcados

t t t

APrátika Locações é a responsável pela mega estrutura que está montando no Quartier Lagoa Nova, como sempre, a maior empresa desse ramo no nosso estado promete abalar...

t

Dia 13 de julho é conhecido como o Dia mundial do rock e nada melhor do que se inspirar na data para produzir um look com atitude e ousadia, palavras-chave de quando se fala deste ritmo tão autêntico. Para comemorar em grande estilo o bom e velho rock´n roll a Natura apresenta diversos produtos para você incorporar uma verdadeira diva do rock. t

Niver de Maninha Dias

Estrutura

t

No Dia do Rock ouse com uma maquiagem especial

Cada vez mais, os grupos de amigos te escolhido os dias de sextafeira, para se reunir na hora do almoço e curtir a famosa resenha. Normalmente esse grupos são formados por mulheres, mas muitos bolinhas também estão aderindo à moda.

t t t

t

O bloco Me leva agora vai virar Bikoka e pra marcar essa nova fase, vai fazer uma big festa com direito à show de Netinho e tudo mais, a coluna trará detalhes já, já...

Almoço das sextas...

Amanhã, a partir das 10h, a praia Devassa vai abrir para um público completamente diferente do que o seu habitual. É que Luciane Benfica vai fazer uma colônia de férias para a meninada, com várias atrações focadas nesse público, imperdível!

t

O Bikoka está voltando

t t t

t t t

t

Quem ainda não comprou...

t

De acordo com a numerologia...

t

Kadu e Lu Benfica

Até amanhã!


Flip 13/07/2012  

Flip 13/07/2012

Advertisement
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you