Issuu on Google+

Quarta-feira

Ano XV w NATAL-RN,

30 DE MAIO DE 2012 w Nº 4.352

R$1,00 w jornaldehoje.com.br

> PARALISAÇÃO CONTINUA...

Justiça confirma legalidade da greve de professores e técnicos da UERN DECISÃO DA JUÍZA SULAMITA PACHECO ENFATIZA NÃO ENXERGAR ILEGALIDADE E AFIRMA QUE “ASSEGURAR AGORA O DIREITO À GREVE TRAZ COMO CONSEQUÊNCIA A SEGURANÇA DE UMA EDUCAÇÃO MAIS DIGNA”. GOVERNO DO ESTADO IRÁ RECORRER CIDADE 6 Wellington Rocha

> ALGUNS REPAROS...

Após 5 anos, obra do Hospital Santa Catarina está perto de ser concluída CIDADE 9

> ESCUTAS DE 2006

Felipe Cortez afirma que não vê problema para Rosalba, Carlos Augusto e Gaubi Diretor acredita que área ampliada será liberada nos próximos dias, após revisão na parte hidráulica e elétrica. Problemas de infiltrações já estão sendo resolvidos

POLÍTICA 3

> INSEGURANÇA NO TIROL José Aldenir

> SUCESSO

Mostra de Profissões da UFRN atrai milhares de estudantes

José Aldenir

Sede do América FC foi arrombada durante a madrugada de hoje. Vários setores foram “visitados”

Bandidos levam cofre e camisas do América

Objetivo do evento, que acontece até sexta-feira no Centro de Tecnologia, é esclarecer as dúvidas dos futuros universitários CIDADE 8

CIDADE 10

Marcos A. de Sá

Alex Medeiros

Daniela Freire

Vicente Serejo

Rubens Lemos F.

Página 7

Página 11

Página 12

Página 13

Página 16

w Cyrela Plano&Plano faz promoção de vendas com descontos que chegam a R$ 50 mil.

w Hoje faz 50 anos da abertura da Copa do Mundo de 1962, um torneio épico.

w Ex-secretário de Carlos questiona a especificação dos atos ilegais apontados por Enildo.

w Palumbo, exilado da memória da cidade é hoje prisioneiro de uma rua esquecida.

w Em Machadinho não se encontra dúvida ou remorso. É trabalho admirável e de respeito.

ESCREVEM ARTIGOS DA EDIÇÃO DE HOJE Gileno Guanabara João da Mata Costa Elizabeth Cabral Nasser Paulo Pereira dos Santos Otacílio Oziel de Carvalho Elísio Augusto de M. e Silva OPINIÃO - Página 2

INDICADORES: Dólar comercial R$ 2,01 Dólar turismo Dólar/Real

R$ 2,06 R$ 2,01

Euro x real Poupança Taxa Selic

R$ 2,50 0,54% 9%

EMAIL REDAÇÃO:

jornalismo@jornaldehoje.com.br

ACESSE O SITE:

www.jornaldehoje.com.br

SIGA-NOS NO TWITTER:

@jornaldehoje

TOTAL DE PÁGINAS NESTA EDIÇÃO

20 CMYK


2 O Jornal de HOJE

Artigo

Opinião

Natal, 30 de maio de 2012

OTACÍLIO OZIEL DE CARVALHO, MSc, e professor do IFRN (carvalho@supercabo.com.br)

Amancio

Quarta-feira

Artigo

amancionatal@gmail.com / www.chargistaamancio.blogspot.com

Geólogo, profissional antenado com o desenvolvimento Hoje, 30 de maio de 2012, é dia dedicado ao geólogo. E é como geólogo que sou que quero homenagear estes profissionais. Mas, então, o que é um geólogo? O geólogo tem sua profissão regularizada pela Lei nº 4076 de 23 de junho de 1962, e é vinculado ao Conselho Regional de Engenharia, Arquitetura e Agronomia. Entre as atribuições do geólogo constantes na referida lei, destacam-se os trabalhos topográficos e geodésicos; levantamentos geológicos, geoquímicos e geofísicos; estudos relativos a ciências da terra; trabalhos de prospecção e pesquisa para cubação de jazidas e determinação de seu valor econômico; ensino das ciências geológicas nos estabelecimentos de ensino secundário e superior; assuntos legais relacionados com suas especialidades; perícias e arbitramentos referentes às matérias das alíneas anteriores, além do disposto no item IX artigo 16, do Decreto-lei nº 1.985, de 29 de janeiro de 1940 (Código de Minas). No dia a dia, a atuação do geólogo tem resultado em alguns feitos memoráveis como a descoberta do petróleo em vários estados brasileiros, em especial a camada do Pré-sal, que coloca o Brasil no rol dos países com maior reserva de petróleo do planeta; a descoberta e expansão das jazidas de ferro brasileiras, em especial a jazida de Carajás, que fez do Brasil o principal exportador de ferro do mundo; o principal responsável pelos estudos ambientais tipo EIA-RIMA e outras modalidades, para implantação de grandes projetos de mineração ou de outras indústrias; e também de grande importância, a descoberta, avaliação econômica e disponibilização de milhares de reservas minerais em todo o país. Recentemente a empresa Planetary Resources, anunciou sua meta de explorar asteroides próximos da terra visando à extração de metais valiosos como ouro e platina, abrindo uma nova frente na exploração espacial. Não temos certeza se a empresa será bem sucedida, mas estamos certos de que ela terá uma forte equi-

Artigo

pe de geólogos em seus quadros e provavelmente será comandada por um deles. No Rio Grande do Norte trabalham cerca de 300 profissionais que muito contribuem para o desenvolvimento sustentado do nosso estado. Estes profissionais estão distribuídos em várias empresas públicas e privadas. A maioria dos geólogos está concentrada na indústria do petróleo, que abrange a Petrobras, empresas prestadoras de serviço e diversas empresas que prospectam petróleo em nossa terra. Em nome destes profissionais queremos destacar o geólogo Carlos Alberto Poletto, gaúcho de nascimento e potiguar de coração, principal articulador entre a Petrobras e as instituições de Pesquisa, missão que tem desempenhado com muito sucesso. A UFRN é a segunda maior empregadora de geólogos no RN. Tem um quadro de profissionais dos mais qualificados do País. Já formou cerca de 300 geólogos e é referenciada como uma das principais universidades brasileiras nesta área. Em nome destes profissionais queremos destacar o geólogo e professor Emanuel Ferraz Jardim de Sá, pesquisador de renome internacional que muito orgulha a nós profissionais que tivemos o privilégio de ter sido seu aluno. Os demais profissionais do RN estão distribuídos no IFRN, CPRM, Governo do Estado, prefeituras municipais, empresas de consultoria, empresas de mineração, empresas de construção civil, em outras universidades ou atuando como consultores individuais. Representando estes profissionais, quero destacar o colega geólogo José Maria do Rêgo, um grande profissional responsável pela implantação da maioria dos empreendimentos minerais do Rio Grande do Norte. Você profissional da geologia que contribui com seu trabalho para o desenvolvimento do Rio Grande do Norte, sinta-se homenageado. E você que está lendo este texto, procure ao seu redor que vai encontrar um geólogo. Parabenize-o. Ele vai modestamente agradecer, mas ele merece.

ELÍSIO AUGUSTO DE M. E SILVA, empresário, escritor e presidente da Fundação Amigos da Ribeira (elisio@mercomix.com.br)

A Figura do Flâneur O flâneur é um andarilho solitário, que passeia tranquilamente pelas ruas da cidade, pelo prazer de entrar em contato com a vida urbana. Flanar é perambular com inteligência, observando as ruas, becos e pessoas. No século 18, durante o Iluminismo, surgiu a figura do caminhante solitário em Paris, resultado de transformações que a cidade passou na época. Dois renomados filósofos franceses Jean-Jacques Rousseau (1712-1778) e Denis Diderot (1713-1784) defendiam a tese do caminhante solitário. Os parisienses ricos, desde os séculos 16 e 17, já adotavam o "passeio de civilidade" com o propósito de passear entre as pessoas do mesmo nível social, contemplar e ser visto. Os parques eram policiados, para que os seus frequentadores pudessem circular sem serem importunados pelos populares. Esses locais eram concebidos de maneira que as pessoas, ao caminharem por suas alamedas, pudessem se encontrar. Nessa época surgiu a "arte do jardim". Essa é a tese do livro "Le Promeneur à Paris au XVIII Siècle" (O andarilho na Paris do século XVIII), da autoria de Laurent Turcot, sem tradução no Brasil. A figura do flâneur, que surgiu entre 1830 e 1840, cidadão que passeia sozinho e sem rumo pela cidade, foi eternizada no ensaio "O pintor da vida moderna", em 1863, pelo poeta e crítico francês do século XIX Charles Baudelaire. Segundo ele, o termo flâneur refere-se a um observador, alguém que percorre a cidade despreocupadamente à procura de experiências, no intuito de compreender a modernidade e as mudanças produzidas com a urbanização de Paris. Era o oposto do burguês, que vivia em função dos negócios. A industrialização ocorrida nos séculos XVIII e XIX provocou uma intensa urbanização das cidades européias. A mudança do ritmo da cidade foi sentida em vários aspectos. Durante o ápice dessa sociedade capitalista surgiu a figura do flâneur, dividido entre a fascinação e o temor da cidade. A partir do final do século 17, surgem os primeiros boulevards em Paris, representando parte do sistema de planejamento urbano da cidade, e atuavam como via de circulação e de passeio público. Foram construídas largas avenidas retilíneas, ladeadas por árvores, que separavam o espaço dos pedestres dos ocupados pelas charretes. A criação dos boulevards, que eram a concretização do sonho de progresso e desenvolvimento, resultou em um tráfego mais veloz e intenso, impondo um novo ritmo às pessoas, e a agitação passou a fazer parte da vida do homem. Ao contrário dos jardins, os novos boulevards permitiam que todos passeassem em total igualdade de condições. Assim, a caminhada urbana perdeu a função social de visibilidade e prestígio e tornou-se uma opção de entretenimento disponível para todos os cidadãos. Então, o hábito, que começou nos parques, chegou aos boulevards e, a partir do início do século 18, a prática de caminhar em Paris tornou-se mais livre,

natural e individual. O passeio passa a ser considerado um lazer organizado, e os franceses fazem dessa prática de andar a pé uma atividade prazerosa e interessante. As caminhadas animavam e inspiravam os poetas solitários. A caminhada urbana passa à diversão de todos, sendo recomendada por fazer bem à saúde, aconselhado pelos livros de medicina, que já associavam o ato de caminhar para se obter uma vida mais ativa e saudável. Naquela época, as ruas da Capital Francesa eram indicadas como espaços de passeio e banho de sol. Isso ocasionou, inclusive, mudanças na moda, a partir do século XVIII, com o surgimento de tecidos mais leves, que estimulassem os passeios e não atrapalhassem os movimentos do corpo. Em 1780, os saltos dos sapatos diminuíram em torno de cinco centímetros, para que o caminhar se tornasse mais confortável. A cidade convidava todos a passear pelos seus jardins, praças e margens do Sena. Paris já era eleita pelos poetas como o "paraíso dos namorados", que trocavam juras de amor e carinhos pelas ruas, inspirados pelos belos cenários. Aprópria transformação dos locais de passeio favorecia às caminhadas, tornandoas mais agradáveis e seguras, o que atraía as pessoas. A iluminação das ruas e boulevards, a partir do século XVIII, por candeeiros a óleo viabiliza um espaço público com maior segurança, além de proporcionar condições para a realização de passeios noturnos. Também foram editadas regras que priorizavam o pedestre em detrimento das charretes, como, por exemplo, com a limitação da velocidade dos cavalos, medida pelo trote e galope dos animais. A popularidade dos passeios públicos é atestada: em dias de festa ou nos domingos, aproximadamente 12 a 15 mil pessoas deslocavam-se, entre o Jardim das Tulherias e os Campos Elíseos, em Paris. Os guias de viagem em formato reduzido, que poderiam ser levados no bolso para eventuais consultas durante os passeios, deram uma importante contribuição para a descoberta e utilização do espaço urbano pelo caminhante. No Almanaque do Viajante (1781) o boulevard parisiense é apontado como o grande passeio da moda, depois dos jardins das Tulherias, do Luxemburgo e do Palais-Royal. O escritor e médico François-Amédée Doppet cita em Números Parisienses: "Há bairros em Paris nos quais não se ouvem mais ruídos que no campo; não se vê jamais a confusão dos veículos, e as crianças, assim como os velhos, podem passear sem perigo". Nos dias atuais, as novas tecnologias facilitam a vida dos modernos flâneurs. Os tecidos inteligentes absorvem e dissipam o suor, além de eliminar a eletricidade estática do corpo e matar as bactérias e fungos. Os tênis para caminhadas com um bom sistema de amortecimento no solado absorvem o impacto dos pés no chão. Pena que, hoje em dia, a prática apresenta-se em declínio, pelos riscos que enfrenta quem se arrisca em passeios urbanos solitários.

ELIZABETH CABRAL NASSER, antropóloga, (elizabeth.nasser@gmail.com)

Eleições em pauta

Artigo

GILENO GUANABARA, advogado e vice-prefeito de Extremoz (gilenoguanabara@gmail.com)

Mistérios da calcinha O ser humano viveu despido em outras épocas, dispensando as vestimentas que cobrissem o próprio corpo. A sobrevivência, porém, lhe determinou que doravante usasse a pele dos animais abatidos, em substituição aos pelos que começavam a faltar. Lá pelos idos do século V, em Gênova, teve-se a notícia do cinto de castidade sentenciando às mulheres. A trava era mantida sob a vasta indumentária feminina. Tinha aparência ornamental, uma peça preciosa, desde que fundida em ouro ou em prata. Como preservativo feminino ficou sendo a garantia de não violação do sexo durante a ausência prolongada do varão. Externava a propriedade corporal que era fixada na intimidade da mulher e permanecia intocada durante o tempo em que o homem guerreava, ou participava de cruzada religiosa, ou enquanto duravam as viagens marítimas. Com a disseminação dos teares e das sedas trazidas do Oriente, a peça íntima adaptou-se para servir de resguardo à genitália feminina. De formas ajustadas, mantinha a serventia até mesmo para preservar o recato. Com o fim da repressão medieval, reduzindo-se o excesso de saias e anáguas rodadas, o decote na mulher revelou cada vez mais o colo, as formas e encantos que a pudicícia feminina apenas permitia sonhar. As "lingeries", o surto da moda, enfim a máquina, tornaram a experiência, a intimidade da mulher em vestir-se de forma mais esplendorosa, um trato refinado. Apesar de a arte e a história revelarem a fragilidade feminina, no entanto ardilosas foram as artimanhas da primeira mulher – protegia a vergonha com uma folha de parreira –, de sua trajetória à maldição e ao pecado, foram muitos os traumas inevitáveis. Apesar das diásporas, das odis-

Artigo

seias pelos desertos, do sacrifício dos primogênitos descendentes de profetas, prevaleceu o instinto para a reprodução frenética e inevitável da espécie humana. O sexo representou um mecanismo de domínio. Com o advento das viagens marítimas (século V) e com o industrialismo (século XVIII), a presença da mulher na linha de produção banalizou a convivência "inter pares". O que antes tivera sido segredo corporal tornou-se de conhecimento vulgar. Do romantismo piegas ao realismo impiedoso, incruento e devassador, a mulher foi retratada sempre em forma de objeto/patrimônio do macho insaciável e predador. Mais recentemente, com a transmissão hodierna da imagem, os encantos e desejos reproduzem as vestes femininas em decoro mínimo, enquanto prosopopeia de rara imaginação e pudor mercadológico. Na música atual, as cores e as formas que os versos sublimam sobre a veste feminina tratam da calcinha, seja de cor vermelha, preta, ou mesmo sem cor, de qualquer formato. O poeta chega a reconhecer-se "careta". Aintuição e a mente perscrutam o lado cobiçado, o objeto inteligível que as peças íntimas despertam e atiçam. De cortes diferenciados, ora em "asa delta"; em "V 8"; tipo "calçolão"; "fio dental", "fio cheiroso", "esconde mamãe", ou de outras denominações que se lhes deem, as calcinhas tornaram-se o objeto mais cobiçado dos olhares furtivos masculinos. Ou dos flagrantes jornalísticos pouco discretos que registram capciosamente a ausência da calcinha, dado o perfil inebriante da aparição. Não sei o que dizer da calcinha que expõe a boa convivência das pessoas, exatamente em razão de sua inexplicada e

extemporânea aparição. Não se trata dos flagrantes intencionais de pernas que se cruzam. Conta-se que ao final de uma missa, na cidade do Assu, ocorria o burburinho dos que ao final se comprimiam para sair por uma única porta. Surpreendente o grito de uma devota ao atropelar uma calcinha deixada ao acaso na passagem dos fiéis: "Ai, vai... Já estão deixando calcinha na porta de igreja? disse a pudica indignada, ao afastar o achado com o pé, sob a indiferença dos demais. Ou o caso da calcinha vermelha encontrada íntegra no bolso da bermuda, sem se poder atribuir a autoria do fato nem ao marido; nem à lavanderia; nem à mulher enciumada, nem mesmo a outro suspeito. Todos negavam peremptoriamente a autoria da surpresa. Trata-se da calcinha demolidora que se locomove sozinha e causa comoção em face de sua presença inusitada. Ainda mais que pelo seu tamanho a calcinha não teria serventia a nenhum dos ditos suspeitos, fosse mulher ou fosse homem. Sim, existem homens que usam calcinhas. Amaior interessada em esclarecer o imbróglio, no entanto, a esposa desconfiada, interrogava, contava a peripécia, repetia e expunha a calcinha que conduzia como prova do flagrante, em seus mínimos detalhes. Foram dias de inquisitório, a fim de descobrir, afinal, sem êxito, a autoria do pecado. Fato é que a calcinha – seja preta, vermelha, ou sem cor; de parecença vulgar ou misteriosa; se usada ou surrada, exposta no varal diuturnamente; mesmo para quem lhe dispensa o uso; ou se usada pelo reverso a fim de atrair ou afugentar presságios – trata-se de um acessório indispensável e eficiente. Que a sua utilidade seja respeitada e assim possa manter os segredos da alma feminina.

PAULO PEREIRA DOS SANTOS, economista, prof. aposentado da UFRN, sócio efetivo do IHGRN e membro da UBE (paulopsantos@supercabo.com.br)

A situação de alguns países da Europa... Com a vitória de François Hollande contra Nicolas Sarkozy pela Presidência da França. Na verdade, no mesmo dia, o resultado das eleições parlamentares na Grécia, sem um vencedor forte, provocou um problema político que, até sexta-feira da semana passada, não possibilitou um novo governo. Como os franceses e gregos puniram nas urnas as políticas de austeridade, consideradas como a saída para a Europa. Grande parte dos países europeus, pela sua situação perdulária, tem praticado medidas de controle de excesso de gastos e aumentar a arrecadação pública. É uma forma de reverter o endividamento causado pelo aumento das despesas governamentais, cujo objetivo era revigorar a economia pela crise de 2008. Em março passado, o risco de que as dívidas se tornassem maiores do que a capacidade dos países de pagálas fez com que 25 dos 27 membros da União Europeia assinassem um pacto de disciplina fiscal feita pela primeira-ministra alemã, Angela Merkel, e por Sarkozy. O novo presidente francês, François

Artigo

Hollande, não foi contra o plano, mas foi eleito com a promessa de adicionar medidas de crescimento econômico ao pacto. Segundo a imprensa, "Sua vitória representa uma rejeição à estratégia de focar apenas a austeridade". "O crescimento com austeridade" proposto por Hollande seria uma bênção". Mas não existe um condão mágico para estimular a expansão da economia em países endividados até no último grau. Vale dizer que, nos cinco anos do governo Sarkozy liderou o país francês, cujos cofres públicos financiaram medidas de estímulo que impediram o país cair numa recessão grave, conforme a imprensa internacional. É importante dizer que a dívida pública chegou à casa de 600 bilhões de euros em seu governo. E hoje, é de 89% do PIB. Averdade é que Hollande espera crescer, insistindo no aumento do gasto público, combinado à alta de impostos. Seus planos não incluem reformas estruturais para aumentar a competitividade da economia francesa, como a redução do custo da mão de obra, hoje uma das mais eleva-

das da Europa. Com a difícil tarefa de diminuir o déficit orçamentário de 5,3% para 3% do PIB até 2013. Hollande sugeriu flexibilizar o pacto fiscal, mas foi rejeitado por Merkel antes mesmo de seu encontro com o novo colega. Ela adiantou que discutir reformas já acertadas abriria um perigoso precedente possível de desestabilizar a confiança na moeda única. Sua dúvida foi justificada na eleição grega. A verdade é que se as promessas dos eleitos forem cumpridas, a dívida da França poderá crescer e a Grécia será forçada ficar fora do euro, pela sua dívida astronômica de euros, como já vimos. Os maiores partidos do país, o conservador Nova Democracia e o socialista Pasok tiveram apenas 32% dos votos, como punição por terem dado apoio às medidas de austeridade exigidas pela União Europeia e pelo Fundo Monetário Internacional como condição para que o país receba uma ajuda financeira visando evitar o calote. Isso representa, a curto prazo, reflexos graves sobre os cidadãos.

JOÃO DA MATA COSTA, professor do Depto de Física - UFRN (damata@dfte.ufrn.br)

O concerto de Ítalo Babini em Natal Em uma noite histórica a Escola de Música da UFRN abre as comemorações dos seus cinqüenta anos com o concerto do natalense Ítalo Babini acompanhado da pianista norte-americana Ruth Smith (1ª parte) e orquestra (2ª parte). Babini mora nos EUA e há mais de 50 não visitava sua cidade Natal. A noite de 25 de maio de 2012 teve o sabor do reencontro e da lembrança de uma cidade provinciana da primeira metade do século XX quando Natal teve uma das melhores escolas de violoncelo do mundo. Babini foi por mais de 40 anos o primeiro violoncelo da "Detroit Symphony Orchestra" e atuou como solista por diversas vezes. Filho do grande violoncelista Thomaz Babini, a quem deve sua formação musical junto com Iberê Gomes Grosso, Herman van Beckenrath e do lendário Pablo Casals. O pai de Ítalo, Thomaz Babini, chegou a Natal na primeira década do Século XX, e formou uma grande escola de violoncelo. Entre os componentes dessa escola estava o seu enteado Aldo

Parisot (professor catedrático da Yale University) e Ítalo Babini. Um homem de oitenta de três anos ainda toca com bastante virtuosíssimo um violoncelo que soa esplêndido na famosa sonata em Lá Maior de César Franck. Sonata que já recebeu adaptações para viola, órgão e flauta. Musica composta inicialmente para violino foi dedicada ao violinista Eugène Ysaye. Babini diz sorry quando pede para voltar uma parte da sonata. Criterioso respeita a platéia formada de grandes admiradores e jovens músicos. Um exemplo a ser seguido por todos aqueles que sabem da dedicação que deve ter um músico que se pretende solista de uma orquestra. Foi assim como solista que Babini tocou com a orquestra da UFRN as célebres Variações Sobre um tema Rococó Op. 33 de Tchaikovsky, com regência do maestro Fablo Presgrave. Bela composição com uma coda: vivo allegro a desafiar o solista que precisa ser um virtuoso. Um grand finale de uma noite que ainda teve a bela Sonata em Sol Maior de Bréval e a

Phantasiestucke, op 73 de Schumann. O compositor dos Romances sem Palavras escreveu essa música em dois dias em fevereiro de 1849. Nela está impregnada toda a carga de humor de um grande compositor que sofreu severas crises psicológicas. Bréval foi um grande cellista virtuoso e essa bela peça faz parte do repertório de grandes violoncelistas no mundo inteiro. Foi uma noite de forte emoção para todos nós que recebemos o grande conterrâneo Babini em plena atividade no outono da vida de uma Natal que tem muito a agradecer ao seu pai Thomaz Babini e ao grande Waldemar de Almeida, primeiro diretor da Escola de Música da UFRN que completa meio século de existência formando grandes músicos e contribuindo para a cultura musical da nossa cidade. Parabéns André e músicos pela aula que antecede o concerto. Parabéns aos 50 anos da EM da UFRN, casa que eu devo toda a minha formação musical quando estudante de piano e assíduo freqüentador das suas famosas semanas de música e outros concertos memoráveis.

Acada dois anos, vivemos uma expectativa geral com mais uma eleição. Estão chegando as convenções partidárias. Como ficarão as indicações? É o momento de repensarmos o papel das mulheres neste contexto de decisões políticas, com a escolha de candidaturas. Lembremo-nos que existe a Lei de Cotas cuja primeira versão atribuía 80% das vagas partidárias para os homens e 20% para as mulheres. Logo se percebeu que tais percentuais feriam o Art. 5º da Constituição que afirma a igualdade de todos perante a Lei. Uma nova Lei foi aprovada enunciando 70% para um sexo e 30 % para o outro, sem definir qual sexo teria o maior percentual. Na primeira eleição, após a Lei ser modificada e aprovada, passou a ser norma entre os partidos, como se fora um direito consuetudinário, 70% para os homens e 30% para as mulheres. Nem ao menos foi levado em consideração que as mulheres representam 52% do eleitorado. Lamentavelmente, ainda há um traço muito forte na nossa cultura de que política é uma seara masculina. A prática está provando que isto é um conceito errado. Na política, da Presidência da República às centenas de Câmaras Municipais, a presença feminina tem demonstrado a miopia de dessa visão. Muitas mulheres, inclusive, estão ocupando cargos em todas as áreas com competência, desmentindo a essa visão cultural distorcida. Ser um bom administrador da coisa pública não vem inscrito no mapa genético. É preciso treinamento, bom senso, prática e conhecimento das políticas públicas. No mínimo, ter vivência dos pontos de estrangulamento dessas políticas. Na prática as mulheres de uma forma mais ampla têm esse conhecimento. Vamos analisar algumas políticas públicas e quem e como as conhece na própria pele. São as mulheres que levam prioritariamente seus filhos para a escola e acompanham toda a vida escolar, participando das reuniões e debates. São as mulheres que cuidam do abastecimento da casa, indo às feiras e aos supermercados. São as mulheres que levantam de madrugada para pegar fichas no postos de saúde para família. São as mulheres que levam seus filhos para a praça nas horas de lazer. São as mulheres que sabem como está a coleta do lixo. E neste elenco as donas de casa conhecem a fundo as necessidades da sua comunidade e mesmo da sociedade, e suas ideias podem se transformar em políticas públicas. Voltando à Lei de Cotas vigente não há determinação do percentual de cada sexo, mas, como já citamos, de imediato os partidos atribuíram o maior percentual para os homens e o menor para as mulheres, o que se tornou norma, ao arrepio da lei. Há um detalhe que temos observado nas eleições, é a candidata laranja (candidatas com zero voto). Na última eleição municipal 66 candidatas a vereadora tiveram zero voto e 22 dois votos. Além das muitas que tiveram três, quatro votos. Mas, nós chegamos à perfeição, na última eleição, para o Governo do Estado, uma candidata ao Governo, obteve o espetacular placar de zero voto. Lembro que isto também acontece com os homens, mas em menor escala. Precisamos urgentemente de uma lei que puna os partidos que permitem as candidaturas do faz de conta. Política é um fato muito importante, pois os eleitos vão decidir o futuro do país. Devemos exigir destes candidatos que apresentem propostas por escrito, assim o eleitor terá em mãos algo concreto para acompanhar o seu desempenho. O brasileiro adora imitar os americanos, seria muito importante que imitassem na política. O voto não é obrigatório, porém quem vota, tem em mãos uma proposta política e vai acompanhando durante o mandato do seu candidato. Se não cumprir o prometido eles escrevem, denunciam e persistem até que o mesmo justifique. Formam grupos que se reúnem, periodicamente para analisar o desempenho do candidato e escrevem cobrando as promessas, como também elogiam. Toda correspondência enviada obtêm resposta. Em temporada que passei nos Estados Unidos participei de algumas dessas reuniões como observadora. Os políticos realmente têm muito cuidado com o que dizem durante a campanha e, quando eleitos, toda correspondência enviada obtém resposta. Que bom seria que os nossos candidatos apresentassem por escrito propostas com políticas públicas que eles pretendem defender, lutar para colocá-las em prática. Não aquelas promessas genéricas e vazias. Muitos eleitores já não acreditam nas promessas vazias que no calor dos comícios são jogadas irresponsavelmente. Política é coisa séria e nós devemos votar responsavelmente e aprender a cobrar o que foi prometido na campanha.

NOTÍCIAS QUE OS OUTROS PUBLICARÃO AMANHÃ

OJORNALD EHOJE DIRETOR-EDITOR Marcos Aurélio de Sá DIRETOR ADMINISTRATIVO Marcelo Sá DIRETORA DE REDAÇÃO Sylvia Sá

EDITORES Dessana Araújo Élida Mercês João Ricardo Correia EDITOR DE POLÍTICA Túlio Lemos EDITOR DE ESPORTES

w w w . j o r n a l d e h o j e . c o m . b r Gabriel Negreiros EDITORA DE CULTURA Daniela Pacheco EDITOR RESPONSÁVEL / PORTAL JH Wagner Guerra GERENTE COMERCIAL Karina Mandel

ASSINATURA ANUAL Capital: R$ 210,00 Interior (via ônibus): R$ 250,00 Interior e outros Estados (via correios): valor da assinatura + o custo da postagem EXEMPLAR AVULSO R$ 1,00

ASSINATURA SEMESTRAL Capital: R$ 130,00 Interior (via ônibus): R$ 150,00 Interior e outros Estados (via correios): valor da assinatura + o custo da postagem EDIÇÃO ATRASADA R$ 4,00

O JORNAL DE HOJE se reserva o direito de não aceitar informes e material publicitário que infrijam as leis do país e a ética jornalistica. Informações, comentários e opiniões contidos em artigos assinados não possuem, necessariamente, o endosso da Direção. Só é permitida a reprodução de matérias com prévia autorização escrita e com a citação da fonte em destaque

REDAÇÃO E OFICINAS: Rua Dr. José Gonçalves, 687 - Lagoa Nova | Natal - RN - CEP 59056-570 |Brasil - Telefax: (84) 3211-0070 ramal 214 - Assinaturas: (84) 3221-5058 | jornalismo@jornaldehoje.com.br - www.jornaldehoje.com.br Editado e publicado por RN Gráfica e Editora Ltda. http://www.jornaldehoje.com.br - jornaldehoje@digi.com.br - jornaldehoje@uol.com.br - artigos@jornaldehoje.com.br - administracao@jornaldehoje.com.br - jornalismo@jornaldehoje.com.br - assinaturas@jornaldehoje.com.br - comercial@jornaldehoje.com.br


Política

Quarta-feira

Natal, 30 de maio de 2012

O Jornal de HOJE 3

Advogado garante que Rosalba, Carlos Augusto e Galbi estão “tranquilos” FELIPE CORTEZ AFIRMA QUE DO PONTO DE VISTA JURÍDICO, A GOVERNADORA ESTÁ NA “MAIS ABSOLUTA TRANQUILIDADE” O advogado Felipe Cortez, que defende, a um só tempo, a governadora Rosalba Ciarlini, o ex-deputado estadual Carlos Augusto Rosado e o secretário adjunto do Gabinete Civil, Galbi Saldanha, disse que, do ponto de vista jurídico, o trio está na "mais absoluta tranquilidade" em relação ao caso dos áudios reveladores dos bastidores da campanha ao Senado em 2006. Ele disse não acreditar na existência de outro indicio de crime e lembrou que a matéria já foi analisada pelo Ministério Público. "Não acredito em nenhum indício de outro crime. Matéria foi para o Ministério Público e foi arquivada. A Lei obriga ao procurador olhar tudo o que aconteceu. E não foi encontrado nenhum indício de nada. Do ponto de vista jurídico, estamos na mais absoluta tranquilidade. Não foi ajuizada nenhuma ação", afirmou o advogado. Tanto o Ministério Público Estadual quanto o Ministério Público Federal puseram as respectivas lupas sobre os áudios e, segundo Cortez, não encontraram indício de nenhum crime. As informações conferem e há suspeitas de que houve o engavetamento do caso nos respectivos centros de investigação, tendo em vista que a gravidade das conversas e o que elas revelam - caixa dois de campanha eleitoral e compra de votos e sonegação fiscal - seria suficiente para embasar a abertura de qualquer procedimento investigativo. Para Felipe Cortez, porém, o fato de o MPE e o MPF terem ar-

Arquivo

Wellington Rocha

Felipe Cortez alega que matéria foi analisada pelo Ministério Público e arquivada. Ele acredita que revelação dos áudios é uma tentativa de exploração política, visando atingir a governadora Rosalba Ciarlini quivado o procedimento encerra o caso. E vai além. Segundo ele, a revelação dos áudios agora é uma tentativa de exploração política, visando atingir a governadora Rosalba Ciarlini e o marido dela, o ex-deputado estadual Carlos Augusto Rosado. Neste caso, a iniciativa teria surtido efeito. Cotado para o gabinete civil, o ex-deputado já não guardaria a convicção de duas semanas atrás de que deve assumir as rédeas políticas e administrativas da gestão do Estado de maneira oficial. Não enquanto

não cessarem de surgir novos áu- nada", acrescenta Cortez. mérito. "Não vou entrar no méridios e até ter certeza de que a Indagado o que Carlos, Galbi to, porque não sou parte do procesopinião pública não aumentará sua e demais partícipes das escutas so, não tenho que explicar o diálrepugnância pela ogo de ninguém. O atual administração MP escutou, analdo Estado. "Porque isou. Então não cabe são conversas de a ninguém a análise Para Felipe Cortez, o fato do Ministério Público cunho político que para fazer juízo de Estadual e o Ministério Público Federal terem não se transforvalor". Segundo o arquivado o procedimento encerra o caso. maram em prova de advogado, "os diálcoisa nenhuma. ogos são isolados, e Trata-se de uma exgravações por teleploração merafone, para ser conmente política de fatos que já faze conversam nos áudios, Felipe sideradas como provas, têm que seis anos e viu-se que não tinha Cortez prefere não entrar nesse ter outras provas. Uma coisa é a

avaliação do cidadão comum (que acha que pode haver irregularidades), outra é o que se escuta ser provado. São coisas completamente diferentes e do nosso ponto de vista há razão de sobra para que o caso seja arquivado. Porque não tinha nada". O advogado conclui afirmando que não irá tomar nenhuma medida para tentar descobrir quem vazou os áudios. "Não vamos tomar nenhuma medida. Ainda não falamos neste assunto. Não se sabe de onde eles teriam vazado", concluiu.

> VOTAÇÃO DAS CONTAS

Adão Eridan diz ter recebido “propostas indecentes” através de emissários de Carlos Eduardo e Agnelo Heracles Dantas

JOAQUIM PINHEIRO REPÓRTER DE POLÍTICA

Adão Eridan afirma que foi procurado para votar em favor de Carlos Eduardo

O vereador Adão Eridan, do PR, confirmou na manhã de hoje ter recebido emissários do exprefeito de Natal, Carlos Eduardo e do deputado Agnelo Alves, pai do ex- prefeito, com propostas que ele tipifica como "indecentes" objetivando incentivá-lo votar pela aprovação das contas do ex-prefeito na Câmara Municipal de Natal referentes ao ano de 2008. "Muitos me procuraram, mas eu já tinha posição definida pelo voto contrário à aprovação das contas e mesmo que não tivesse jamais aceitaria participar desse tipo de proposta que considero indecente", disse o vereador do PR, acrescentando que antes havia se reunido com o líder do seu partido, deputado João Maia, que havia orientado sobre sua posição com relação ao as-

sunto: Votar contra. Ainda segundo Adão Eridan, em contato com a reportagem de O JORNAL DE HOJE, a sua posição contrária à aprovação das contas do ex-prefeito de Natal, Carlos Eduardo, foi baseada em análises e fatos ocorridos no final da administração do então prefeito de Natal quando, segundo o vereador, o gestor cometeu várias irregularidades, a exemplo da venda da conta única da Prefeitura de Natal que ocasionou um prejuízo de 12 milhões de reais aos cofres públicos. "Esse dinheiro deveria ter servido para melhorar a saúde e a educação do município de Natal", lembra o vereador, citando ainda um empréstimo que foi feito sem autorização da Câmara Municipal, mas o prefeito conseguiu uma liminar com o ministro Gilmar Mendes e a operação financeira foi realizada. "Para citar apenas duas, mas as

irregularidades foram muitas no final da administração do prefeito Carlos Eduardo, todas citadas num competente relatório elaborado pelo vereador Enildo Alves", observa o vereador Adão Eridan. FÓSFORO QUEIMADO "Nas várias declarações do exprefeito Carlos Eduardo ficou evidenciado que ele não respeita o Poder Legislativo. São afirmações infelizes e desabonadoras, evidenciando que ele não tem apreço e não respeita os parlamentares quando afirma que vereador não vale um fósforo queimado", disse Adão Eridan. SUCESSÃO MUNICIPAL Com relação ao processo sucessório municipal o vereador Adão Eridan informa que o seu partido, o PR, apoiará o candidato do PMDB, deputado Hermano

Morais, por considerar o melhor nome entre os atuais postulantes. "O PR formalizará uma aliança com o PMDB na chapa proporcional por entender que essa é a melhor alternativa para Natal. Hermano Morais é um político sério, competente e certamente irá para o segundo turno", disse ele. Questionado sobre o governo Rosalba Ciarlini, Adão Eridan entende que precisa melhorar muito para cumprir os compromissos assumidos na praça pública durante a campanha eleitoral e atender as reivindicações da população norte-riograndense. "Eu, particularmente tenho uma posição de independência. Quem é aliado do governo é o deputado João Maia", esclarece o vereador, acrescentando: "Acredito até que o governo tem tempo e poderá melhorar. Se não melhorar o povo dará o troco nas eleições de 2014", concluiu o vereador do PR.

Túlio Lemos POLÍTICA - TÚLIO LEMOS PROPOSTA Sherloquinho, após saber que o vereador Adão Eridan considerou propostas indecentes dos emissários de Carlos Eduardo para votar pela aprovação das contas: "É, pra Adão achar indecente, o negócio deve ter sido realmente escabroso". Sherloquinho disse isso e saiu pra comer uma carapeba gorda com Joaquim Pinheiro. VULCANO A Polícia Federal amanheceu o dia tocando fogo em Mossoró. A Operação Vulcano realizou busca e apreensão e efetuou prisões de empresários e vereador na Terra de Santa Luzia. A PF foi democrática e atingiu gente de praticamente todos os partidos. ANÚNCIO Será sexta-feira, o anúncio do apoio oficial do DEM ao deputado

tuliolemosjh@gmail.com / www.tuliolemos.com.br / @tuliolemosrn

Rogério Marinho. Além do senador José Agripino, que já externou apoio ao tucano, a governadora Rosalba Ciarlini também estará na solenidade política.

carem tentando desviar o foco e acusar a emissora, pois a equipe da Cabugi está de parabéns pela produção do material e o Governo é que não cumpre sua missão.

EXPEDIENTE As manifestações políticas da governadora são legítimas e aceitáveis na democracia. A questão é que o Governo enfrenta greves, dificuldades e desgaste e Rosalba vai deixar seu expediente em pleno dia útil para participar de um evento político. Revela qual é a prioridade da gestão.

MORTE II Os dias vão passando e não há quem aceite ser secretário de Saúde do Estado. Enquanto isso, crianças continuam morrendo no Estado governado por uma médica pediatra. Rosalba vai ter que carregar essa marca negativa em sua história, por absoluta falta de sensibilidade e ausência de competência para priorizar o que realmente importa na gestão.

MORTE Mais uma vez o RN aparece em rede nacional de forma negativa. Hoje pela manhã, a Inter TV Cabugi apresentou ao Brasil o caos da saúde pública no Estado, em que crianças morrem por falta de UTI. E não adianta alguns bajuladores fi-

CORAGEM A juíza convocada Sulamita Pacheco, em sua decisão de decretar a legalidade da greve dos servidores da UERN, bateu pesado na falta de prioridade do Governo do

Estado em relação à Educação. No final de semana, de forma precipitada, Rosalba anunciou que iria suspender o pagamento dos grevistas. Dois dias depois, tem recuar por decisão judicial. O Governo está perdido. CARGOS A Procuradoria da República confirma que o deputado Henrique Alves está envolvido em irregularidades em relação a cargos no Tribunal Regional Eleitoral. Exagero. Henrique tem verdadeiro horror a cargo público; nunca indicou ninguém. DESISTÊNCIA O empresário e engenheiro civil Haroldo Azevedo Filho, que era considerado um nome forte no DEM para ser eleito vereador em Natal, adiou sua entrada na política partidária. Por enquanto, o filho

REALIZAÇÃO Flagra de Márlio Forte, do momento de mais atividade da governadora Rosalba Ciarlini em relação aos problemas do RN. Caos na Saúde, Educação em greve, insegurança completa, servidores insatisfeitos e a desaprovação no interior já chega aos 70 %. E a Rosa... de Haroldo vai permanecer atuando na área empresarial. A saída de Haroldinho enfraquece a chapa pro-

porcional do DEM, que conta com os vereadores Ney Jr. e Enildo Alves.


Natal, 30 de maio de 2012

4 O Jornal de HOJE

Política

Quarta-feira

Fotos: Carlos Costa

Walter Gomes DE BRASÍLIA - walgom@uol.com.br

Troca de ideias à luz de velas Uma dúvida paira no ar rarefeito de Brasília. Ontem, no Lago Sul, durante sofisticado jantar de poucos convivas – 12 pessoas sentadas à mesa – na casa de um advogado de importante banca, acentuou-se a incerteza por causa das múltiplas opiniões ouvidas lá fora e discutidas pelos comensais. Além do anfitrião, quatro parlamentares (três deputados e um senador), cinco empresários (um da área de comunicação) e dois jornalistas de longo curso. t t t Predominaram na troca de ideias – antes, durante e depois do deguste – comentários a respeito da desastrada conversa de Lula da Silva e Gilmar Mendes no apartamento de Nelson Jobim. Quase chegado o meio do ano deste 2012 de imprudências recorrentes, lá se vão um mês e cinco dias do encontro. Coube a revelação do caso a um peemedebista com a curiosidade dos repórteres vigilantes e que tem prazer de passar adiante “fatos históricos”, como prefere denominar interlocuções entre gente de influência na miúda política brasileira. t t t – Quem foi o mais inconsequente do trio? No papel de anfitrião, o advogado pediu para não opinar. Dois apontaram Nelson Jobim, o articulador do encontro em seu apartamento, a pedido de Lula. Três citaram o ex-presidente da República. Seis indicaram Gilmar Mendes, ministro do STF e, por conseguinte, um dos 11 julgadores do Mensalão. O processo, resultante da CPI dos Correios, tramita no Supremo há quase meia década. t t t Pós-escrito: Rápida visita ao passado para falar do presente e do futuro próximo. O Mensalão, grande escândalo do mandato de Lula da Silva, envolveu remuneração ilícita a parlamentares. Em troca de dinheiro, entrega direta ou depósito na conta bancária, os cooptados ajudaram a aprovar projetos de interesse do Palácio do Planalto. Pós-escrito (II): O procurador-geral da República, Roberto Gurgel, recebeu a representação de partidos da oposição contra Lula da Silva e a encaminhou à primeira instância. A denúncia é por causa da reunião em que o ex-presidente da República teria sugerido a Gilmar Mendes que ajudasse a adiar o julgamento do Mensalão. Lula nega; Mendes reafirma.

A salada mista Reação na Câmara às mudanças no Código Florestal. Ultrapassa 50 o número de emendas à medida provisória 571, que preenche os vácuos deixados pelos vetos e mudanças no texto aprovado pelos deputados. A informação é de Moreira Mendes (PSD-RO), presidente da Frente Parlamentar da Agropecuária. t

t

t

Para resguardar “direito líquido e certo”, o deputado Ronaldo Caiado (foto), uma das referências da bancada ruralista, propõe recorrer ao STF via mandado de segurança. Ele, do Democratas de Goiás, acusa o Executivo de “legislar em cima de algo que foi decidido pelo Legislativo”.

LEITURA DINÂMICA t Interrompida ontem, reinicia-se hoje a reunião da comissão especial da Câmara que trata do Plano Nacional de Educação. O deputado-presidente da CE, Lelo Coimbra (PMDB-ES) pretende votar o projeto nesta quarta-feira. t Mantidas as preliminares da articulação PSBPT nas últimas horas, o senador petista Humberto Costa será candidato da aliança à prefeitura do Recife. t Amanhã, o DEM fala ao país em rede nacional de rádio (20h às 20h10) e tevê aberta (20h30 às 20h40). José Agripino, senador-presidente nacional da sigla, abre e fecha o programa. t Dúvida não há: o Conselho de Ética do Senado vai propor a cassação do

mandato do goiano Demóstenes Torres. No colegiado, o voto é aberto; no plenário da Casa, secreto. Aí, então, tudo pode ocorrer, inclusa a malandragem. t Revelação de Dilma Rousseff a um interlocutor da área empresarial. Está “altamente preocupada” com o agravamento da crise na Espanha. O país é um dos grandes investidores no Brasil. t O Banco Central passa a identificar o voto de cada membro do Copom na decisão sobre a Selic, a taxa referencial dos juros. Começa hoje à noite, após a reunião do Comitê de Política Monetária. t Para refletir: “O homem é mortal por seus temores e imortal por seus dizeres” (Pitágoras, filósofo e matemático grego).

Governadora Rosalba Ciarlini, com a diretoria da fábrica de cimento Mizu, em Baraúna, que já investiu R$ 370 milhões e ainda vai investir mais R$ 500 milhões no RN

Rosalba: “A Mizu em Baraúna é a prova que estamos no caminho certo” DIRETOR DA FÁBRIACA MIZU ESTÁ OTIMISTA: “RN CAMINHA PARA SER REFERÊNCIA” "O Rio Grande do Norte tem tudo para se tornar uma das referências na região Nordeste e no país na produção de cimento nos próximos anos". A garantia é do diretor da unidade Baraúna da fábrica de cimento Mizu, José Antero dos Santos. A segurança dele se baseia em números projetados no plano de investimentos 2010-2015 montado pela empresa. De acordo com o documento, a Mizu vai investir R$ 872 milhões nesse período de cinco anos. "Vale lembrar que até agora já foram aportados R$ 370 milhões", disse. Antero lembrou que a atual gestão do Governo do Estado "cumpriu com o que foi acordado". "O Proadi (Programa de Apoio ao Desenvolvimento Industrial) foi uma das coisas que alavancou o projeto", recorda. Para o diretor da Mizu, em Baraúna, "a forma como o Governo vem conduzindo a atração de investimentos coloca o Rio Grande do Norte numa rota do desenvolvimento cada vez mais forte". Paralelo a isso, Antero cita o "investimento na adequação viária de Baraúna" pelo grande fluxo de

Rosalba visita instalações da fábrica, ao lado de diretores e secretários de Estado veículos pesados naquela região onde está instalada a fábrica. "O Estado cria um ambiente seguro, favorável a quem quer investir aqui", declarou. Com o sucesso da Mizu, a governadora Rosalba Ciarlini lembra a importância em oferecer incentivos para atrair novas indústrias. "A Mizu em Baraúna é a prova de que estamos no caminho certo", disse. Ele reforçou o objetivo de "beneficiar mais empresas com este programa (Proadi)".

A chefe do Executivo estadual compareceu a inauguração da unidade em Baraúna na sexta-feira (25) e elogiou a estrutura construída pelo grupo investidor. "Queremos cada vez mais emprego e renda para o nosso povo e, claro, trazer novos empreendimentos para se instalarem no estado", disse. O secretário de Estado do Desenvolvimento Econômico, Benito Gama, ressaltou que o objetivo é promover o desenvolvimento regional instalando indústrias e empresas em todas as regiões do Rio Grande do Norte. "Isso faz parte do projeto do Governo do Estado e a governadora tem mostrado grande empenho e competência para tornar isso realidade", afirmou. A Mizu já tem um forno e uma moagem em funcionamento na fábrica de Baraúna, que são responsáveis pela produção de 1,2 milhão de toneladas de cimento por ano. De acordo com o Sindicato Nacional da Indústria do Cimento (SNIC),

em 2011, o Rio Grande do Norte consumiu 860 mil toneladas de cimento. Ou seja, só a produção da Mizu pode abastecer o mercado potiguar. E com folga. "Não quer dizer que só focamos o RN, mas isso mostra a nossa capacidade para atender o mercado", afirmou José Antero. Ainda segundo o levantamento do SNIC, a região Nordeste consumiu 13,3 toneladas de cimento ano passado. O que é produzido na Mizu responde por 9% desse consumo. Ele revelou que a empresa planeja até agosto do ano que vem duplicar sua produção com mais uma moagem fazendo assim a produção ser de 2,4 milhões de toneladas por ano. Até 2015 é prevista a instalação de mais um forno e outra moagem o que vai triplicar o cimento produzido na Mizu. "Em 2015, nosso planejamento é ser responsável por 27% do cimento consumido no Nordeste", disse o diretor. Com o sucesso do empreendimento, uma empresa de logística já se instalou em Baraúna. "A Logmix tem uma frota de 70 veículos próprios para o transporte de cimento. Sem contar os terceirizados. Isso gera emprego e renda para a região", comentou Antero. Em outro aspecto, a Mizu doou um terreno de 33 hectares à prefeitura de Baraúna já vem trabalhando no projeto urbanístico para criação do Distrito Industrial de Baraúna (DIB). O diretor da Mizu explicou que a ideia é "instalar 50 pequenas empresas no local" e movimentar ainda mais a economia da região com novos empregos e a comercialização de produtos.


Política

Quarta-feira

Natal, 30 de maio de 2012

O Jornal de HOJE 5

Josivan muda o discurso e aceita ser o vice de Larissa Rosado em Mossoró E X- PRÉ - CANDIDATO

PETISTA AFIRMA QUE APOIO DO

12 anos. Agora, a nossa condição é apoiar Larissa e precisamos ver como podemos ajudar no projeto Adaptação. Essa é a palavra que que possa, realmente, levar melhoexplica a mudança de comporta- rias para a população", explicou Jomento de Josivan Barbosa, reitor sivan Barbosa. da Universidade Federal do SemiDentro de situação de ajuda a Árido (Ufersa) e, agora, ex-pré- administração pessebista, o nome de candidato do Partido dos Trabalha- Josivan Barbosa pode ser o "mais dores a Prefeitura de Mossoró. Se forte" dentre os que estão nos quaantes ele criticadros do PT em va a pré-candiMossoró. Até datura da depuporque ele foi tada Larissa Roapresentado du“"Estou me adaptando à sado, do PSB, na rante esses últirealidade atual. Meu sonho Capital do mos meses como era e continua sendo levar Oeste, Josivan o nome do partirevelou em condo para a Prefeio PT a administrar a cidade, tato com O JORtura. "Não tenho mesmo que isso só seja NAL DE HOJE nenhuma ambipossível daqui a quatro, oito que já aceita ser ção de ser o vice. anos. Agora, a nossa vice da chapa, se Quero ajudar o condição é apoiar Larissa” isso fizer o PT PT nessa realidaparticipar da adde e se esse for o ministração muconsenso dentro nicipal. do partido, assim Afinal, se já como coloquei meu nome para ser não é possível que o PT adminis- pré-candidato a prefeito, também tre Mossoró, com a retirada da can- aceito ficar a disposição para ser didatura própria, ele pode, pelo vice", revelou o reitor da Ufersa menos, ajudar nessa administração. que terá que se desincompatibilizar "Estou me adaptando à realidade até o dia 6 de junho se for mesmo atual. Meu sonho era e continua concorrer ao cargo eletivo. sendo levar o PT a administrar a Essa definição sobre quem será cidade, mesmo que isso só seja pos- o nome do vice de Larissa Rosado, sível realizar daqui a quatro, oito, segundo Josivan, ainda não tem

PT

COMO VICE PODE AJUDAR A TRANSFORMAR A CIDADE Arquivo

CIRO MARQUES REPÓRTER DE POLÍTICA

Josivan Barbosa já admite claramente que aceita ser candidato a vice na chapa de Larissa para a Prefeitura de Mossoró previsão para acontecer, apesar da deputada federal e uma das líderes petistas no Estado, Fátima Bezerra, afirmar que vai acontecer até sábado. "Amanhã (quinta-feira), viajo para Brasília para conversar com a Executiva Nacional, porque até então eu não conversei com

eles. Sempre respeitei as instâncias municipal e estadual. Mas como houve esse fato novo (a própria Executiva Nacional decidindo a formação de aliança), agora a conversa vai ser direta. Politicamente, isso vai ser muito importante para aparar as arestas que ficaram em

ordem municipal, estadual e nacional", explicou. Independente de quem será o nome indicado pelo PT e de quem vai indicá-lo, Josivan Barbosa acredita que o importante de tudo isso é que o partido possa participar da administração municipal caso vença

as eleições. "Se não pudermos avançar em todo o nosso projeto de governo, pelo menos avançarmos em alguma parte dele seria importante. E acho que é dessa forma que essa união pode ser importante. A mão do PT mudou a história do país, porque não poderia mudar a história de Mossoró ou até do Rio Grande do Norte?", questionou. Nesse ponto, inclusive, Josivan Barbosa não escondeu a lamentação pelo fato de não ser mais précandidato. "Na Ufersa, participei do que pode ser considerado o maior projeto da gestão Lula e Dilma Rousseff para a Educação. Imagine só a força de um candidato que participou desse projeto se ele recebesse apoio político", ponderou. Apoio político, por sinal, foi o que Josivan Barbosa pouco recebeu durante seu período como précandidato. Muito, inclusive, por consequência da demora do PT nacional em confirmar ou retirar seu nome. Afinal, mesmo depois que o Diretório Municipal petista decidiu que o partido teria candidato próprio e não apoiaria Larissa Rosado, a indecisão nacional impediu que o PT buscasse aliado. O resultado foi que todos os partidos da base aliada do Governo Dilma partiram para o apoio ao PSB.

“Não mudei o que acho de Larissa Rosado. Ela continua representando a continuidade de uma família no poder” Josivan Barbosa se adaptou a realidade atual e consequentemente, mudou parte de seu posicionamento sobre as eleições municipais. Contudo, no que diz respeito ao que ele acha da deputada estadual Larissa Rosado, a mudança não foi tão grande assim. O reitor da Ufersa continua acreditando que a pessebista representa a manutenção de uma mesma família no poder. "Continuo pensando isso e sendo contrário às oligarquias que se estabelecem no poder, porque

elas buscam apenas a continuidade e não pensam nos reais interesses da população. Contudo, com a participação do PT, essa história pode ser alterada. A atual gestão do DEM dura 16 anos e a população tem necessidade de mudança e nós podemos ajudar nisso", afirmou Josivan. Mesmo acreditando que Larissa Rosado continua a ser a manutenção de uma mesma família no poder, a postura de Josivan Barbosa jamais foi tão amena ao se falar da deputada estadual. Em entrevistas concedidas a O JORNAL DE

HOJE, inclusive, chegou a dizer que o PT enfrentaria na cidade as famílias "Alves (do PMDB, que apoia o DEM), e os Rosados de Rosalba, de Fafá e de Sandra". Essa postura firme não diminuiu nem quando o PT nacional publicou as resoluções em que determinava nas cidades com mais de 200 mil habitantes as alianças teriam que ser aprovadas pela Secretaria Nacional - tirando a autonomia do Diretório de Mossoró e de outras cidades. Na época, Josivan afirmou que, de qualquer maneira,

a Executiva Municipal petista iria realizar as convenções em junho e, provavelmente, confirmar o seu nome como o de candidato do PT. A situação mudou um pouco mais quando o Partido dos Trabalhadores, nacionalmente, determinou que em Mossoró os petistas iriam apoiar Larissa Rosado. Em contato com O JORNAL DE HOJE, Josivan Barbosa deu declarações mais amenas, afirmando que a linha defendida por ele no partido não era a mesma de Larissa Rosado. Por isso, não deveria nem

mesmo subir ao palanque da précandidata. Além disso, Josivan Barbosa confirmou que iria trabalhar para a eleição dos vereadores petistas e ajudar o partido na região de Médio e Alto Oeste do Estado. Agora, já aceita até mesmo ser o vice de Larissa Rosado. "Fui até onde pude, mas não abro mão de projetos importantes para a população, apesar de aceitar não ser candidato", afirmou ele, revelando já um tom mais ameno nas declarações. Apesar de ser "o que resta ao

PT", o apoio ao PSB pode não ser de todo mal para o partido também politicamente falando. "Temos um partido ainda sem muita expressão na cidade, infelizmente. Mas sabemos que se vencermos essa eleição, a situação poderá ficar bem diferente. O PT indicando o nome do vice, esperamos conseguir também eleger dois ou três vereadores", previu o, agora, postulante a vice de Larissa, ressaltando que, no momento, não há nenhum representante petista na Câmara Municipal de Mossoró. Arquivo

> OPOSIÇÃO

Quatro partidos anunciam apoio a candidatura de Eduardo em Macau O PRB, o PSDC, o PCdoB e o PSD vão apoiar a pré-candidatura de Eduardo Lemos, do PSB, a Prefeitura de Macau. A decisão foi divulgada oficialmente na manhã desta quarta-feira. Segundo nota divulgada pelos partidos que passam a compor a oposição na cidade, "confiar Macau a Eduardo Lemos é ter a certeza que a população receberá o atendimento necessário e digno em todas as áreas, especialmente na saúde,

onde ele goza de reconhecimento e prestigio por sua atuação como médico e administrador". Ainda segundo a nota, a decisão da oposição foi consequência do cenário sucessório apresentado na cidade: "A situação de abandono ao qual o município foi relegado; a má gestão dos recursos públicos, com denúncias e suspeitas permanentes de superfaturamento e desvios de verbas; a irresponsabilida-

NOTA OFICIAL DE APOIO POLÍTICO EM MACAU Os partidos políticos abaixo descrito, após analises seguidas do cenário sucessório da cidade de Macau e considerando: A situação de abandono ao qual o município foi relegado; a má gestão dos recursos públicos, com denúncias e suspeitas permanentes de superfaturamento e desvios de verbas; a irresponsabilidade administrativa, onde os gestores desprezam a transparência e a seriedade e o descaso com os serviços que deveriam ser prestados à população, em especial a saúde pública e a educação de qualidade, manifestam publicamente e de comum acordo, o apoio a pré-candidatura de Eduardo Lemos à Prefeitura de Macau. Esta decisão foi tomada considerando o perfil pessoal e político do pré-candidato, pautado sempre pela correção de atitudes, pela honestidade, pela seriedade e pelo respeito ao povo macauense. Confiar Macau a Eduardo Lemos é ter a certeza que a população receberá o atendimento necessário e digno em todas as áreas, especialmente na saúde, onde ele goza de reconhecimento e prestigio por sua atuação como médico e administrador. O apoio desses partidos à candidatura de Eduardo Lemos, certamente representa o sentimento da maioria da população, que quer ver Macau em mãos limpas, no caminho do desenvolvimento e sem ser notícia negativa de corrupção. Estaremos juntos com Eduardo para fazer uma Macau melhor para todos os macauenses, com honestidade e compromisso com a população. Vamos à vitória! Macau, 30 de maio de 2012 PRB - Partido Republicano Brasileiro PSDC - Partido Social Democrata Cristão PC DO B - Partido Comunista do Brasil PSB - Partido Socialista Brasileiro PSD - Partido Social Democrático

de administrativa, onde os gestores desprezam a transparência e a seriedade e o descaso com os serviços que deveriam ser prestados à população, em especial a saúde pública e a educação de qualidade, manifestam publicamente e de comum acordo, o apoio a pré-candidatura de Eduardo Lemos à Prefeitura de Macau". O atual prefeito, Flávio Vieira Veras, do PMDB, conforme publi-

cou O JORNAL DE HOJE na semana passada, é um dos gestores com maior número de condenações na Justiça Eleitoral, apesar de ter ficado no poder durante quase todo o tempo nesses últimos oito anos. O candidato do prefeito deverá ser Kerginaldo Pinto, que trabalhou como gerente de suas lojas de eletrodomésticos durante alguns anos e recentemente assumiu um cargo na Prefeitura de Macau.

Eduardo Lemos trabalha para receber o apoio de outros partidos de oposição


6 O Jornal de HOJE

Natal, 30 de maio de 2012

Cidade

Quarta-feira

Justiça reconhece legalidade da greve na UERN PARALISAÇÃO DOS SERVIDORES E PROFESSORES FOI QUESTIONADA PELO GOVERNO, QUE PROMETE RECORRER DA DECISÃO ROBERTO CAMPELLO ROBERTO_CAMPELLO1@YAHOO.COM.BR

A juíza convocada Sulamita Pacheco, que substitui o desembargador Amaury Moura Sobrinho, reconheceu nesta terça-feira (29) a legalidade da paralisação dos servidores e professores da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN). A decisão da magistrada responde a Ação Originária ajuizada pelo Poder Executivo, que pediu liminarmente a ilegalidade do movimento grevista. Diante da decisão, a paralisação dos professores e técnicos administrativos da UERN continua e deve completar um mês no próximo sábado, dia 2 de junho. "A greve que hora se analisa não possui ilegalidade que se possa enxergar neste momento processual, exatamente por ser uma reação às condições de trabalho e o exercício do direito de autodefesa de categorias", destacou a juíza convocada, que completou: "assegurar agora o direito à greve traz como consequência a segurança de uma educação mais digna". Na visão de Sulamita Pacheco, o Estado não cuidou de maneira satisfatória de demonstrar a existência de requisitos necessários, perante a

lei, para alcançar a concessão do que pleiteou. Além disso, destacou ela, resta evidenciado o descumprimento do Estado de acordo realizado em 2 de maio deste ano. O acordo mencionado pela magistrada foi resultado de uma greve deflagrada no período de julho a setembro de 2011 pelos servidores e professores da UERN, que perdurou 90 dias e, embora não tenha sido oficializado, a conciliação entre as partes foi divulgada abundantemente pela mídia, inclusive pelo próprio Governo do Estado. "Ora, é notório no Brasil que a classe dos professores vem sofrendo péssimas condições de trabalho e uma remuneração que não condiz com a importância do ensino", exclamou Sulamita Pacheco. Ela enfatiza que, por isso mesmo, há de se reconhecer a necessidade de fortalecimento da categoria desses profissionais, base da sociedade, bem como os direitos dos docentes de reivindicar melhores condições de trabalho mais justos. A juíza convocada ressaltou ainda que não visualiza desrespeito ao direito constitucional, apesar da alegação do Estado de violação ao artigo 205 da Constituição Federal. "Ao contrário, ao passo que se busca respeitar o direito dos professores a

uma luta por melhores condições de trabalho, o resultado é o fortalecimento da educação", disse ela. Para embasar juridicamente a decisão, a magistrada lembrou que o ministro Joaquim Barbosa, do Supremo Tribunal Federal (STF), ao julgar tema semelhante vaticinou ser o movimento grevista um instrumento legítimo e que o caráter essencial ao serviço não sugere vedação ao exercício do direito de greve. "Posto que a essencialidade dos serviços paralisados indica, na realidade, um chamado à razão e à responsabilidade de todos os atores envolvidos, cabendo ao Judiciário zelar pelo exercício do direito à greve e não mitigá-lo". "Não vejo como o Poder Judiciário calar neste momento, este grito, que busca a efetivação do de um Estado democrático livre, igualitário e justo", disse a Juíza Sulamita Pacheco, em decisão sobre legalidade do movimento grevista na UERN. O procurador Geral do Estado, Miguel Josino Neto, disse que o Governo do Estado vai recorrer da decisão da magistrada, mas que cumprirá a determinação judicial. "Decisão judicial a gente cumpre, gostando ou não gostando tem que se cumprir e o Governo vai cumprir, mas vamos recorrer da decisão e interpor os recursos que a lei nos fa-

culta", disse o procurador. Além disso, o Governo vai estudar outras medidas administrativas, para que os outros pleitos possam ser "destravados". No entanto, Miguel Josino voltou a afirmar que o Governo não tem condições de atender o pleito financeiro da categoria. O coordenador do comando de greve dos técnicos administrativos da UERN, Petrônio de Oliveira Andrade, disse que a decisão da juíza confirma que a paralisação dos servidores e professores é justa. "Mostra que o nosso movimento é justo e legal, assim como foi o do ano passado. A juíza constatou que quem descumpriu o acordo foi o Governo do Estado. Todo esse impasse só mostra o despreparo do governo Rosalba e a falta de sintonia entre os integrantes da própria administração. Essa decisão fortalece ainda mais a categoria e a governadora vai ser obrigada a sentar com a categoria e apresentar uma proposta decente para a categoria", disse o coordenador do comando de greve. O presidente da Associação dos Docentes da UERN (ADUERN), professor Flaubert Torquato, disse que a justiça foi feita ao ser decretado a legalidade da paralisação. Segundo, ele os professores não infringiram nenhuma norma e culpa o

José Aldenir

Miguel Josino reafirma que o Estado não tem condições de atender reivindicações governo do Estado pela paralisação. "A justiça reconheceu o direito de greve e hoje a paralisação dos técnicos administrativos e professores da Universidade acontece em virtude da insensatez do Governo do Estado. O Governo é o principal res-

ponsável pela greve da UERN", disse o presidente. Amanhã, a partir das 9h, será realizada uma assembleia na Faculdade de Medicina, na UERN de Mossoró, para os grevistas discutirem o andamento das paralisações.

> EM BUSCA DE SOLUÇÕES

Fórum da Saúde Pública vai intensificar ações José Aldenir

O Fórum da Saúde Pública voltou a se reunir na última segundafeira, numa iniciativa de formar um fórum do sistema judiciário, visto a "invasão da saúde pública", segundo a promotora da saúde Iara Pinheiro, no Judiciário. A representante da Comissão de Saúde da OAB-RN, Elke Cunha, conta que durante o fórum chegou-se a pensar no encerramento das atividades, já que, segundo os membros, parecia que não estava as reuniões não estavam surtindo efeitos. "Percebemos que a realidade está cada vez mais se agravando e estamos desesperançosos, pois parece que nada está sendo feito para mudar e resolver essa situação. Pensamos em terminar com as atividades do fórum, mas decidimos pela continuidade das ações, só que mudaremos as estratégias. Vamos fazer visitas ao Tribunal de Contas e a Assembleia Legislativa para cobrar ações mais efetivas", conta Elke Cunha. Pauta importante da reunião também foi a judicialização da saúde. Foi entregue na reunião uma decisão do juiz da1ª Vara Federal, Magnus Augusto Costa Delgado, sobre solicitações feitas pelo Conselho Regional de Medicina do RN (Cremern) para regularizar o funcionamento do setor de reanimação do Hospital Walfredo Gurgel, que segue interditado, desde o dia 8 de maio.

será preciso requerer que juízes corram de seus gabinetes e se instalem nos hospitais, ocupem cargos de gestão e passem a gerir os recursos materiais e humanos ali porventura existentes. Trata-se de uma situação absolutamente anômala, inacreditável, repito, e que merece uma profunda reflexão por parte de todos que estão envolvidos nesta crise que mais parece um pesadelo recorrente, sem fim e principalmente sem sentido", disse o juiz.

Na ação judicial, Cremern requer que o Governo seja compelido a tomar providências para regularizar situação no Walfredo Gurgel Na decisão, o magistrado externa sua indignação pelo fato do Judiciário estar sendo acionado para tratar de direitos e deveres dos mais básicos quanto à saúde pública, tendo o juiz que ordenar até mesmo a instalação de tomadas elétricas em um Pronto-Socorro. "Estamos vivendo tempos difíceis. Inacreditáveis. A judicialização da saúde, com lances de causar perplexidade e situações que seriam cômicas, se não fossem trágicas, mórbidas, é uma prova destes tempos", disse o juiz em sua decisão. Na ação, o Cremern requer que o Governo do Estado seja compelido em caráter de urgência no prazo

máximo e improrrogável de 10 dias a suprir as seguintes exigências: Manter médicos qualificados na unidade para dar assistência nas 24 horas, isolar a unidade não permitindo a presença de estranhos ou acompanhantes, reparar ou adquirir camas específicas para substituir as sucateadas, manter reserva de no mínimo 10% dos equipamentos necessários a assistência objetivando suprir quando houver quebras, reabastecimento de medicamentos, principalmente de antibióticos, providenciar reparo nas instalações elétricas e proteção das paredes e portas para o uso do aparelho Raios-X portátil, consertar os sistemas de

vácuo e aspiração, resolver o problema dos umidificadores, providenciando tomadas elétricas para o seu funcionamento, tudo em relação ao Setor de Reanimação do Pronto Socorro Clóvis Sarinho. No texto da decisão, Magnus Delgado frisa que o papel da Justiça é dirimir conflitos e não de determinar o óbvio. "O assunto é gravíssimo e esta é a mais pura verdade. Até mesmo para instalação de tomadas elétricas em um Setor de Reanimação de um Pronto Socorro do porte do Clovis Sarinho, a Justiça Federal tem sido convocada. E na Justiça Estadual não tem sido diferente. Qualquer dia destes

GOVERNO DO ESTADO PEDE ILEGALIDADE DA GREVE DOS MÉDICOS Assim como fez com a greve dos técnicos administrativos e professores da UERN, o Governo do Estado vai pedir a suspensão da greve dos médicos do Estado, afirmou o procurador geral do Estado, Miguel Josino Neto. Os médicos estão em greve há 31 dias. "Já estamos com a petição pronta e estamos aguardando apenas a sinalização da governadora Rosalba Ciarlini para poder dar entrada no pedido de ilegalidade do movimento grevista dos médicos do Estado", explicou o procurador. Miguel Josino Neto disse que o governo decidiu "judicializar" a greve dos médicos, pedindo a sua suspensão, em decorrência dos "prejuízos causados à população" quanto à prestação dos serviços de saúde.

Miguel Josino Neto afirmou que o governo quer cumprir os acordos firmados com as diversas categorias de servidores públicos, "mas só quando essa possibilidade for permitida pelo Tribunal de Contas do Estado", quanto a avaliação sobre o cumprimento da Lei de Responsabilidade Fiscal. "A gente reafirma que as perdas salariais serão respostas, mas essa implantação não pode ser feita, agora, por conta do limite prudencial. Também estamos aguardando o resultado do quadrimestre, que vai ser divulgado pela Controladoria Geral do Estado", afirmou o procurador Geral do Estado, Miguel Josino Neto. Hoje à noite, haverá uma reunião com os presidentes dos conselhos das 14 especialidades que atuam na área da saúde, a fim de avaliar a crise do setor. De acordo com Geraldo Ferreira, presidente do Sindicato dos Médicos, as negociações com o Governo do Estado chegaram a um impasse e há 15 dias que o Governo não apresenta nenhuma proposta dentro do que inicialmente chegou a ser iniciado, como uma reposição salarial de 7% e a substituição da produtividade por uma gratificação de desempenho, pois a produtividade que vinha sendo paga desde 2009, no valor de R$ 3 mil, chegou a ser paga apenas R$ 1,2 mil.

> SÃO GONÇALO

Crianças participam de ação contra abuso e exploração Dezenas de crianças saíram em caminhada pelas ruas da comunidade de Guanduba, no município de São Gonçalo do Amarante, região Metropolitana de Natal, para chamar a atenção da população sobre a necessidade de denunciar os crimes de abuso e exploração sexual contra crianças e adolescentes. A ação foi realizada pela Secretaria da Juventude, Esporte e Lazer, com os integrantes do núcleo do Programa Segundo Tempo da Escola Municipal Jéssica Débora, e faz parte das ações desenvolvidas pelo Município na Campanha Municipal de Combate ao Abuso e a Exploração sexual contra crianças e adolescentes. As crianças saíram pelas ruas distribuindo material explicativo à população. De acordo com a coordenadora pedagógica do programa Segundo Tempo, o objetivo do "pit stop educativo", como foi intitulada a ação de hoje, foi envolver a criança no movimento. "A criança vai defender o tema e multiplicá-lo dentro da comunidade na qual ele está inserido. Nós escolhemos a comunidade de Guanduba, pois além de ser uma comunidade ativa nos movimentos sociais, também é uma região de vulnerabilidade. Precisamos fazer um trabalho mais pro-

fundo e tirar essas crianças do ócio", disse. O Secretário de Comunicação de São Gonçalo do Amarante, Ledson França, disse que a ação de hoje faz parte da campanha municipal que começou desde o dia 18 de maio, dia em que se comemora o Dia Nacional de Enfrentamento ao Abuso e Exploração de crianças e adolescentes. "Nossa meta é que a campanha seja permanente. Queremos intensificar o trabalho com palestras nas escolas e com os pais, nos CRAS, CREAS, Escolas Municipais, para que possamos identificar a mudança de comportamento das crianças que é o primeiro sinal de que a criança possa estar sendo abusada", afirma o secretário. O programa Segundo Tempo é realizado em oito comunidades de São Gonçalo do Amarante, com atividades esportivas educativas. O programa acontece no contraturno das aulas dos alunos, com reforço escolar, gincanas, aulas de dança e teatro. Hoje, cerca de 600 crianças e adolescentes são beneficiadas pelo programa no Município. O trabalho que vem sendo desenvolvido no Município já traz os primeiros resultados. Hercules Cardoso, de 12 anos, conta que não gostava de praticar esportes, mas

depois que entrou no Programa começou a se interessar por vários

esportes. Renata Lima, de 17 anos, também disse que o programa me-

lhorou a sua qualidade de vida. "Me traz alegria e felicidade. Adoro

jogar queimada e vôlei", disse a adolescente.


Economia

Quarta-feira

Natal, 30 de maio de 2012

O Jornal de HOJE 7

Wellington Rocha

HOJE na Economia MARCOS AURÉLIO DE SÁ

marcossa@jornaldehoje.com.br

Cyrela Plano&Plano faz promoção com descontos que chegam a 50 mil n A incorporadora e construtora paulista Cyrela Plano&Plano, responsável por alguns grandes lançamentos imobiliários na região metropolitana de Natal, oferecerá ao mercado, neste final (de amanhã até domingo), a oportunidade da compra de imóveis com descontos especais que podem chegar a até R$ 50 mil. n Segundo a gerente-regional Renée Silveira, a empresa promoverá no pátio de estacionamento do Híper Bombreço, na Avenida Prudente de Morais, um "Mega Plantão" de vendas de apartamentos. Esta é a primeira vez que a Cyrela realizada um evento deste gênero em Natal. n Dos empreendimentos que serão comercializados no "Mega Plantão" a maioria está com suas obras em fase adiantada, sendo que dois deles os condomínios "L´Acqua" e "Stillo", na zona Sul da cidade - serão entregues aos compradores ainda este ano. n Os demais empreendimentos com unidades disponíveis ("Certto", "Novo Sttilo", "Vita", "Quartier Lagoa Nova", "In Mare" e "Infinity Areia Preta"), todos localizados em áreas extremamente valorizadas, já estão com obras em andamento. Reunião do Copom deverá baixar hoje taxa de juros interbancários para 8,5% n A taxa básica de juros da economia brasileira, definida pelo Banco Central a cada 45 dias, deverá mesmo ser reduzida dos atuais 9 por cento para 8,5 por cento ao ano. n Pelo menos é isto o que se espera da reunião do Copom (Comitê de Política Monetária), que acontecerá no começo desta noite em Brasília, em função da nova política do governo federal de forçar a queda do custo do dinheiro para estimuQualitek é destaque em evento internacional n A empresa natalense Qualitek Tecnologia, especializada na prestação de serviços na área de segurança da informação e na provisão de infraestrutura de TI, dirigida pelo empresário Rodrigo Jorge, participou este mês, na Itália, da "Confererência de Parceiros Kaspersky para os Mercados Emergentes". n Na ocasião, a Qualitek foi reconhecida como o melhor parceiro dentre os quase 2 mil participantes do evento, oriundos de dezenas de países da América Latina, África, Ásia, Oriente Médio e alguns países da Europa. n A empresa natalense também ficou classificada entre os quatro melhores parceiros da multinacional Kaspersky (uma das líderes mundiais em tecnologias antivírus) em "Qualidade de Suporte e Serviços". n No evento, que teve lugar na Sicília, foram apresentadas as novidades e planos da Kaspersky para 2012/2013. "Casa Cor" será na antiga fábrica da Simas n A edição deste ano da "Casa Cor Rio Grande do Norte", evento voltado para os segmentos da arquitetura, decoração e paisagismo, acontecerá num ponto es-

lar o consumo e manter aquecida a nossa economia, mesmo com boa parte do mundo em crise e até em recessão. n A anúncio da nova taxa básica será anunciada após o fechamento do mercado doméstico. Caso os juros recuem para 8,5 por cento ao ano, esta será a menor taxa já registrada em toda a série histórica do Banco Central, iniciada em 1986, já que antes não existia taxa oficial de juros no país. Rosalba assina decreto que facilita emissão de nota fiscal por restaurantes n A governadora Rosalba Ciarlini finalmente atendeu o pleito que lhe foi encaminhado logo nos primeiros dias de sua gestão pela AbraselRN (Associação Brasileira de Bares e Restaurantes), no sentido de que seja autorizado pela Secretaria Estadual de Tributação o uso dos equipamentos conhecidos como POS (point of Sales) móveis nos estabelecimentos vinculados à entidade. n O ato de assinatura do decreto que regulamenta a matéria acontece esta tarde, na Governadoria, na presença de um grande número de empresários do segmento. n "O Governo atende a uma antiga reivindicação do setor, que reclamava, aqui no Rio Grande do Norte, de constrangimento ao submeter seus clientes ao enfrentamento de filas em seus caixas após o consumo, enquanto em outros Estados já era permitido o uso do POS sem qualquer restrição", explica a governadora Rosalba Ciarlini. n Segundo o secretário de Tributação, José Airton da Silva, o governo agora irá promover o credenciamento dos estabelecimentos para que eles possam utilizar do POS móvel, proporcionando assim mais conforto aos consumidores na hora de pagar a conta.

tratégico de Natal, de grande visibilidade e facilidade de acesso: o prédio onde funcionou até alguns anos atrás a fábrica da Simas Industrial de Alimentos, na esquina das avenidas Salgado Filho e Amintas Barros, bairro de Lagoa Nova. n Confirmada para o período de 9 de outubro a 20 de novembro, a "Casa Cor" deverá ocupar todos os 16 mil metros quadrados do imóvel com uma exposição de projetos, produtos e serviços direcionados para a construção, ambientação e decoração do lar e de espaços de uso coletivo, além de reservar áreas para praça de alimentação e centro de convivência. n A expectativa dos organizadores/franqueados César Revoredo e Nereide Figueiredo é de que cerca de 1,5 mil pessoas serão atraídas, diariamente, para participar, direta e indiretamente, das atividades da "Casa Cor Rio Grande do Norte". Supermercado Boa Esperança inaugurará sua terceira loja n Será neste domingo, às 19:00 horas, o coquetel de inauguração da terceira loja do Supermercado Boa Esperança, na cidade de Parnamirim (bairro do Parque Industrial), para o qual foram convidadas autoridades, fornecedo-

res, a imprensa e amigos do grupo empreendedor. n O investimento realizado na implantação da nova unidade do Boa Esperança atingiu a marca dos R$ 8,5 milhões, devendo ser gerados 200 empregos diretos. A expectativa, decorrente de estudo de mercado realizado na área a ser atendida, é de que a loja atenderá cerca de 20 mil consumidores por dia. n Além de confirmar a boa fase de expansão da economia parnamirinense, a inauguração da nova loja da rede Boa Esperança promete aliar sustentabilidade ao conforto da população da cidade, que terá novas opções de consumo, que antes buscadas na capital. n Painéis de lentes de iluminação solar para o dia, luminárias econômicas para a noite e refrigeração à base de água serão algumas das tecnologias sustentáveis utilizadas no investimento. n A nova loja do Parque Industrial que será aberta ao público na próxima segunda-feira, dia 4 de junho, contará com seis mil metros quadrados de área útil, sendo 2,2 mil metros quadrados destinados somente para área de vendas. Serão ainda disponibilizadas à clientela 108 vagas de estacionamento, restaurante, loja de telefonia e setor de serviços bancários.

Docagem deixa portuários sem pagamento por 15 dias MANUTENÇÃO NOS NAVIOS SÓ TERMINA NA SEMANA QUE VEM Mais de 200 trabalhadores do Porto de Natal, entre estivadores, conferencistas e arrumadores, ficarão sem receber sua remuneração pela segunda semana consecutiva enquanto os navios da francesa CMA/CGM estiverem realizando sua manutenção também conhecida como “docagem”. Com um ganho individual médio de R$ 300,00 por empreita, os trabalhadores só recebem quando têm trabalho. "É realmente uma situação muito desagradável", disse hoje o presidente do Sindicato dos Estivadores, Eleiton de Santana, o Vavá. Segundo o diretor comercial da Codern, Hanah Safie, no próximo dia 9 de junho a escala da CMA/CGM está confirmada. Ele explicou que os armadores são classificados por empresas classificadoras internacionais. Elas fazem exames regulares nas condições das embarcações e indicam a manutenção a ser feita em cada uma delas. "Às vezes, mesmo com quatro navios diferentes na operação, como é o caso do Porto de Natal, não é possível conciliar as manutenções e as escalas são suspensas por um período não superior a 15 dias", expli-

cou Hanah Safie. Hoje, a CMA/CGM é responsável por 75% da movimentação no Porto de Natal, enquanto a Marfret Companhia Marítima por 5%. Os trabalhadores filiados aos sindicatos dos estivadores tentavam hoje de manhã articular uma estratégia para uma questão antiga: provocar ações para aumentar o volume de carga no Porto, por meio da reativação da cabotagem, que é a circulação de mercadorias entre portos de um mesmo país. Já houve diversas tentativas anteriores para se chegar a esse objetivo, inclusive por meio da mobilização de comerciantes varejistas locais, adquirindo produtos em grande quantidade mediante compras compartilhadas. O Governo Federal, segundo informa a Codern, tem R$ 110 milhões assegurados para obras de ampliação do porto, cuja liberação depende da concessão das licenças ambientais do governo do Estado e da realocação do atracadouro de barcos da colônia de pescadores do Maruim, que deve receber um novo local para servir de berço para as embarcações e para instalação de

sua sede. O presidente da CODERN já tem em mãos uma proposta de utilizar uma área, que pertence a Codern e fica por trás do Museu da Rampa, para a relocação da colônia de pescadores. A proposta será avaliada e levada nesta terça-feira para uma reunião com o Ministro dos Portos, Leônidas Cristino. Em visita a Natal na semana passada, o ministro dos Portos, Leônidas Cristino, assegurou ao governo do RN a liberação de R$ 40 milhões para a construção das defensas da Ponte Newton Navarro. Cristino assegurou que os recursos já se encontravam disponíveis no orçamento da Secretaria de Portos da Presidência da República e que aguarda apenas o projeto da CODERN, para ser analisado e, se aprovado, liberar o recurso para a execução da obra. Com esses recursos, somente em obras, o Porto de Natal receberá, este ano, cerca de R$ 200 milhões, sendo R$ 51 milhões para a construção do Terminal Marítimo de Passageiros, R$ 110 milhões para ampliação do berço três/construção do berço quatro e R$ 40 milhões para as defensas da ponte.

>AFTOSA

Ministro chega amanhã ao RN O Ministro Mendes Ribeiro, da Agricultura, participa amanhã, no Parque de Exposições Aristófanes Fernandes, em Parnamirim, de uma entrevista coletiva de apresentação dos números de encerramento da campanha de vacinação contra aftosa no Rio Grande do Norte. A vinda do Ministro foi coordenada pela assessoria do secretário Betinho Rosado e os resultados serão decisivos para a mudança de status do RN para área livre com vacinação da doença. Mas essa condição só será confirmada depois da auditoria que o Ministério realizará em agosto. Natural de Porto Alegre (RS), o advogado Jorge Alberto Portanova Mendes Ribeiro Filho tem 57 anos

e é deputado federal pelo PMDB gaúcho pela quinta legislatura. Desde 1º de julho de 2011 exercia a função de líder do governo na Câmara dos Deputados. Mendes Ribeiro foi eleito para uma cadeira na Câmara dos Deputados pela primeira vez em 1995. Em sua atividade parlamentar integrou as Comissões de Ciência e Tecnologia, Comunicação e Informática; Constituição e Justiça e Cidadania; Finanças e Tributação. O ministro também foi líder do PMDB de 1991 a 1995 e vice-líder do partido no período de 1987 e 2003 e entre fevereiro e julho de 2011. Mendes Ribeiro também acumula experiência no poder executivo do Rio Grande Sul, na gestão do

governador Antônio Britto (PMDB). Entre fevereiro de 1995 e março de 1996, foi secretário de Obras Públicas, Saneamento e Habitação. Ocupou ainda o cargo de secretário Extraordinário para Assuntos da Casa Civil em dois momentos: de 10 de abril de 1996 a 30 de março de 1998 e de 4 novembro de 1998 a 1º de janeiro de 1999. No início de sua carreira, em 1975, foi secretário-executivo de gabinete da Secretaria de Turismo da capital gaúcha. Na década de 1980, esteve à frente da Secretaria Estadual de Justiça do Rio Grande do Sul (1983 e 1984). O ministro ainda foi deputado estadual pelo PMDB do Rio Grande do Sul em duas legislaturas (87 a 91 e 91 a 1995).

> SIMPLES

Prazo para declaração encerra dia 31 Termina amanhã o prazo de entrega da Declaração Anual do Simples Nacional do Microempreendedor Individual (Dasn-Simei) referente ao exercício de 2011. No Rio Grande do Norte, são 27.147 empresas individuais, segundo informa o gerente da unidade de orientação empresarial do Sebrae/RN, Edwin Aldrin Januário da Silva. Em todo o país são 1,8 milhão registrados até dezembro de 2011. A Receita Federal considera empreendedor individual quem teve receita bruta de até R$ 36 mil. Enquadram-se nessa categoria costureiras, cabeleireiros, encanadores, pedreiros, vendedores ambulantes de churrasquinhos, entre muitas outras atividades. Para o ano que vem, segundo ainda Edwin Aldrin, o Sebrae espera um incremento de pelo menos mais 12 mil empreendedores individuais se formalizem no Rio Grande do Norte, totalizando 40 mil novos microempresários. A declaração de rendimentos do microempreendedor individual, que começou junto com a declaração de Imposto de renda, em janeiro,

tem uma multa mínima de R$ 50,00 no caso de atraso. Ela é de 2% ao mês sobre os valores tributados, não podendo exceder a 20% do total. Se ela for paga em até 30 dias tem 50% de desconto. Depois disso, perde qualquer possibilidade de novos descontos. Quem se formalizou este ano no programa só começa a declarar no ano que vem. Em 2012, o valor da renda bruta anual subiu para R$ 60 mil, mas esse novo limite só será considerado na declaração de 2013. Até abril último, o número de empreendedores registrados na modalidade passou de 2,1 milhões no país. A declaração é gratuita e deve ser transmitida pela internet à Receita Federal, diretamente para o site www.receita.gov.br. Não é necessário informar nenhuma senha ou assinatura digital, nem baixar programa. O documento serve para informar à Receita o rendimento do ano anterior do microempreendedor individual e confirmar o pagamento dos impostos regularizados por meio de carnê mensal do Simples Nacional.


8 O Jornal de HOJE

Natal, 30 de maio de 2012

Cidade

Quarta-feira

Servidores públicos federais promovem nova mobilização e não descartam greve da categoria SEM CONTRAPROPOSTA DO GOVERNO FEDERAL ÀS REIVINDICAÇÕES, FUNCIONÁRIOS FORTALECEM MOVIMENTO NACIONAL FERNANDA SOUZA FERNANDASOUZAJH@GMAIL.COM

Servidores federais de diversas categorias realizaram na manhã de hoje no pátio da reitoria da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) uma mobilização conjunta, que segue um calendário nacional, para reforçar as reivindicações das categorias, principalmente no tocante ao aprimoramento da carreira e reajuste salarial. De acordo com Sandro Pimentel dirigente da Federação dos Sindicatos dos Trabalhadores das Universidades Públicas Brasileiras (Fasubra), a mobilização de hoje incluiu as pautas de todas as entidades, abrangendo as universidades federais. "Além das especificidades de cada categoria, lutamos por mais concurso públicos, contra o processo de terceirização dos setores, entrega dos hospitais universitários às empresas privadas, contra o Projeto de Lei 549/200, que congela o salário dos servidores por 10 anos e a MP 568/2012, que reduz em 50% o salário dos médicos federais e reduz e congela os adicionais de insalubridade e periculosidade", disse. Segundo o dirigente da Fasubra como a Medida Provisória tem força de lei, já no em junho os médicos terão seus salários reduzidos. Gizelia Rocha, coordenadora geral do Sindicato dos Servidores do Serviço Público Federal do Rio Grande do Norte (Sintsef/RN), contou que hoje foi a data limite para o Governo apresentar uma proposta às reivindicações que datam do ano passado. "A pauta geral trata do reajuste de 22,8% e vai desde melhores condições de trabalho a reajuste de benefícios. O tão anunciado aumento do ano passado refletiu em R$ 211, 00 na gratificação dos servidores de nível médio, que é a maior fatia dos servidores públicos. No dia 5 de junho, iremos à Brasília em caravana, e não descartamos uma greve". Segundo Gizelia, o Governo Federal está realizando diversas manobras para impedir o avanço do movimento. "O Governo joga uma

MP, como a 568, chama uma categoria para negociar em separado e oferece um aumento só que em cima de gratificação, tudo com o intuito de desestabilizar o movimento. Mas continuamos fortes". O servidor do Ministério da Saúde José Cesário da Silva, contou que veio de Assu dar força ao movimento. "Queremos melhores salários e condições de trabalho, e mais presença dos governantes". DOCENTES Também na manhã de hoje, representantes do Sindicato Nacional dos Docentes das Instituições de Ensino Superior (Andes), estiveram reunidos no Centro de Convivência da UFRN. AAndes é a favor da greve na instituição, enquanto a Associação dos Docentes da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (Adurn) espera o término a negociação junto ao Governo Federal. De acordo com Josevaldo Cunha, 1º vice-presidente da Regional Nordeste II da Andes, o principal objetivo da greve, que já conta com a adesão de 48 instituições de ensino superior, é a reestruturação do Plano de Carreiras. "Por causa das injunções governamentais, a carreira do docente foi distorcida e está defasada e há 25 anos não é discutida", disse. Entre os principais pontos da reestruturação da carreira pleiteados pela Andes estão a implantação de uma carreira única para todos os professores federais, independente do nível de ensino a que estejam vinculados; estrutura de carreiras simples, dividida em 13 níveis remuneratórios com variação salarial de 5% entre um nível e outro, a cada dois anos; regime de trabalho preferencialmente de dedicação exclusiva; piso salarial com referencia no salário mínimo do DIEESE e desenvolvimento na carreira que valorize o tripé ensino, pesquisa e extensão. "Nosso movimento está forte e abrangente. Iniciamos no dia 17 de maio com 33 instituições que aderiram à greve e hoje somos 48. No último dia 28, o Governo suspendeu

uma reunião de negociação, mas vamos cobrar a retomada das negociações", afirmou Josevaldo Cunha. O professor e presidente da ADURN, João Bosco Araújo, considera a greve intempestiva e irresponsável. "Estamos em negociação com o governo e esperando uma proposta até amanhã, dia 31. Desta forma, marcamos uma assembleia para o dia 06 de junho, quando vamos discutir com a categoria sobre o que for apresentado. No ano passado aceitamos a proposta dos 4% apostando na reestruturação da carreira. Nossa categoria, por exemplo, é a única que consegui negociar o reajuste retroativo a março". Ainda de acordo com João Bosco Araújo, a greve está atrapalhando o processo de negociação e, segundo ele, uma prova disso foi o cancelamento da última reunião com os gestores federais, marcada para o último dia 28.

José Aldenir

Pátio da Reitoria da UFRN foi o local escolhido para mobilização organizada pelo sindicato representante dos servidores

> OPORTUNIDADE

UFRN promove 4ª Mostra de Profissões Quem deseja ingressar na Uni- tivas de mercado e futuro profisversidade Federal do Rio Grande sional. Também temos novos curdo Norte (UFRN) terá três dias sos como Bacharelado em Tecnopara conhecer os cursos da insti- logia da Informação , Análise e tuição através de palestras, orien- Desenvolvimento de Sistemas e tações de professores e visitas a Ciências Agrárias". diversos setores da UFRN. Teve Neste ano, a UFRN oferecerá início na manhã de hoje, no Cen- 6.864 vagas para os dois procestro de Tecnologia, localizado no sos de seleção, vestibular tradiciosetor IV, a 4ª nal e através Mostra de Profisdo Exame Nasões, evento procional do Ensimovido pela Próno Médio Reitoria de Gra(Enem) e SisUFRN oferecerá duação (PROtema de SeleGRAD). ção Unificada 6.864 vagas para Elizama (SISU). Cunha, assessoO estudanos dois processos ra da PROte Natan Azede seleção, GRAD, destaca vedo, do 1º ano que a mostra do Ensino vestibular tradiciovisa esclarecer Médio da Esnal e através do dúvidas e levar cola Estadual os interessados a Governador Enem e Sisu. ter um maior Walfredo Gurcontato com a gel, contou que realidade de resolver se ancada curso. "O tecipar e conosso maior público são os estu- nhece melhor os dois cursos que dantes de ensino médio, mas o mais tem afinidade. "É muito boa evento é voltado para pais, que esta iniciativa porque ajuda a saber podem orientar melhor seus fi- o que a gente quer fazer ou até se lhos, e outras pessoas que estão especializar. Estou na dúvida entre indefinidas quanto à carreira pro- música e medicina e vou assistir às fissional a seguir". palestras sobre o curso". Segundo Elizama Cunha, até o Já Nayarison Bruno, que cursa dia 1° de junho serão ministradas o 2º ano do Ensino Médio, veio 210 palestras curtas, além de visi- de Assu para participar da mostra. tação a laboratórios, museus e bi- "Acho que nos auxilia a decidir bliotecas. "Todas as salas estão lo- sobre nosso futuro. Vou conhecer tadas e temos uma programação mais sobre o curso de Ciência Conpara a manhã, tarde e noite. Só tábeis, amadurecer a ideia e o prónesta manhã foram mais de mil ximo ano escolho a profissão", estudantes e a expectativa é que afirmou. até o final da mostra mais de 10 A 4ª Mostra de Profissões é gramil pessoas nos visitem. Este é um tuita e toda a programação poderá evento para toda a comunidade co- ser conferida no site nhecer, aprender e ver as perspec- www.ufrn.br/mostradeprofissoes

CMYK


Cidade

Quarta-feira

Natal, 30 de maio de 2012

O Jornal de HOJE 9

Infiltrações no telhado adiam conclusão da reforma do Hospital Santa Catarina UNIDADE HOSPITALAR PASSA POR REPAROS DESDE 2007. REESTRUTURAÇÃO INCLUI A COMPRA DE EQUIPAMENTOS DE RAIO X A tão esperada reforma do Hospital Doutor José Pedro Bezerra, o Hospital Santa Catarina, na zona Norte de Natal, está perto de ser concluída e entregue à população. De acordo com o diretor administrativo do Hospital, José Carlos Leão, a obra, que foi iniciada em 2007, está praticamente terminada. "A reforma só não está liberada por problemas técnicos e será feita uma revisão na parte hidráulica e elétrica. A forte chuva da semana passada causou infiltrações no teto e haverá intervenção no telhado". Outro problema que parecia longe de ser resolvido, a deficiência nos equipamentos de raio x, também está mais próximo de uma solução. Segundo Carlos Leão, o Governo do Estado já assinou desde o último dia 2 de maio um contrato com a empresa Scientific comprando dois aparelhos no valor de R$ 260.000. "Já tínhamos colocado a compra dos equipamentos no orçamento de 2011 e no de 2012. Se a Nota de Empenho não for assinada pela Secretaria será empenhada por nós. Mas só podemos receber os raios x após a reforma, com a estrutura adequada". Atualmente só existe um raio x móvel na unidade, que tem mais

Wellington Rocha

Apesar da greve dos servidores e médicos da Saúde no Estado, o funcionamento do Hospital da ZN não foi prejudicado de 25 anos de uso, e outro está desativado por falta de estrutura para abrigá-lo. Segundo Carlos Leão, desde 22 de março, a Sesap repassou R$ 1,5 milhão para compra de equipamentos já está em trâmite todos os pro-

cessos, para as devidas licitações, quem tem uma duração média de 60 dias. Quanto à questão do desabastecimento da unidade, conforme o diretor, desde o dia 04 de maio foram feitas duas dispensas de licitação

para compra de medicamento e material hospitalar. "Acredito que esta fase de desabastecimento crítico acabou em 80%. Sempre vai haver alguma falta, mas estamos agilizando o processo de compra. Só no CAF (Centro de Abastecimento Farma-

cêutico) do Hospital temos dois farmacêuticos e dois técnicos para tratar do processo de compra". A última etapa da reforma do Hospital Santa Catarina., que segue desde 2007, vai contemplar as unidades do Pronto-Socorro Adulto (PSA) e da Radiologia com novos equipamentos médicos e de climatização. Na área em reforma, funcionará toda a parte do Pronto Socorro Adulto, que inclui o acolhimento, a assistência (áreas amarelas, verde e azul) e a reanimação. Nesse local, também funcionarão as salas de descanso médico, enfermagem e farmácia. GREVE No início desta semana, servidores da saúde estadual em greve, realizaram uma mobilização, em frente ao Hospital Santa Catarina por melhorias na saúde, condições de trabalho e melhores salários. O movimento já dura 59 dias. Segundo Carlos Leão, o funcionamento do hospital não está sendo prejudicado com a paralisação dos grevistas. "O funcionamento está normal. Do início deste mês até o dia 28, foram realizados 11.935 atendimentos. A média de abril foi de 12.988. e nossa média diária é de 550

atendimentos. No último domingo foram registrados 390 atendimentos, mas está na faixa para um dia de domingo" Durante o período de greve, o atendimento está centrado nas urgências e emergências, com atendimento ambulatorial suspenso. Conceição Ferreira, funcionária do hospital e membro da diretoria do Sindicato dos Trabalhadores da Saúde do Rio Grande do Norte (Sindsaúde), contou que o sindicato fez fotos da infraestrutura do hospital para registrar as más condições. "Fizemos fotos de equipamentos enferrujados, cadeiras de roda quebradas. Na maternidade os colchões estão tão velhos que as mães ficam praticamente em cima do ferro da cama. Também estão faltando lâmpadas, eles tiram de um lugar e colocam em outro. Até chegam materiais e medicamentos, mas sempre em pequenas quantidades". A dona de casa Genilha Hermínio, moradora do Panatis I, contou que há dez dias busca atendimento para o pai de 69 anos. "Fico pulando entre o Walfredo Gurgel e o Santa Catarina, mas até agora meu pai não foi atendido como deveria. Ele está inchado e com febre, mas nem sequer foi diagnosticado.

> OAB

Professores discutem melhorias no ensino jurídico no RN A Comissão de Ensino Jurídico da Ordem dos Advogados do Brasil seccional Rio Grande do Norte (OAB-RN) encerra hoje o 7º Encontro Estadual de Educação Jurídica da OAB/RN e o I Encontro Discentes de Educação Jurídica, com o tema: Processo ensino aprendizagem, eu também sou responsável. O evento acontece no auditório da Seccional Potiguar desde segunda-feira. Durante os três dias de evento estão sendo tratados temas como necessidade da ética na educação jurídica brasileira; projeto político pedagógico e a importância do equilíbrio entre o ensino, pesquisa e extensão na graduação, do estágio e exame de ordem no sucesso profissional; além de apresentação de cases por alunos de diversas instituições de ensino jurídico do RN. O encontro conta com a participação de renomados professores, como o presidente da Comissão de Educação Jurídica do Conselho Federal da OAB, Rodolfo Hans Geller, presidente da comissão de En-

sino Jurídico da OAB/RN, Raimundo Alves de Souza Jr, professora Ana Beatriz Rebello Presgrave, entre outros. Ao final de cada palestra é apresentado um case por alunos de diversas instituições de ensino de Direito do Estado. Ao final do evento, será publicada uma revista eletrônica com o resumo de todos os debates realizados ao longo Encontro. O presidente da Comissão de Ensino Jurídico da OAB-RN, Raimundo Alves, disse que o 7º Encontro Estadual de Educação Jurídica tem o objetivo de aperfeiçoar e fortalecer o ensino jurídico praticado nas instituições de ensino do Estado, uma vez que a OAB tem o papel de fiscalizar a qualidade do ensino. "É papel da OAB fazer essa fiscalização do ensino jurídico em parceria com as instituições com vistas para o melhoramento do ensino. Mas o nosso compromisso não é apenas de fiscalizar, queremos fazer este intercâmbio com as instituições para que possamos aconselhar e sugerir adequações e melhoramento", ex-

Wellington Rocha

Raimundo Alves ressalta que acesso à informação é pouco aproveitado por alunos plicou o presidente. Raimundo Alves disse que o diferencial deste ano é a participação dos estudantes de direito durante o 1º Encontro Discentes de Educação Jurídica. "Antes o evento era volta-

do para os professores, diretores e gestores, mas este ano, a pedido dos próprios estudantes, decidimos ampliar e colocar os alunos nessa discussão, pois eles também fazem parte desse processo", disse.

O presidente da Comissão de Ensino Jurídico da OAB-RN considera que a qualidade do ensino jurídico no Brasil "não está nada bem". "O exame da OAB está muito rotulado de que não aprova os estudantes, mas isso é um problema, não da prova da OAB, mas do ensino jurídico nas instituições, mas diversos concursos públicos pelo Brasil afora aprovam pouquíssimos candidatos na área do direito, principalmente para cargos de magistratura. E ninguém leva em conta este problema, que é tão grave quanto a não aprovação na prova da OAB", destacou Raimundo Alves. "A média de aprovação do RN nas últimas provas realizadas da OAB está acima da média nacional, isso quer dizer que o nosso ensino está também acima da média, muito embora precise melhorar em muitos aspectos", explicou o presidente da Comissão. Raimundo Alves conta que, nos cursos de Direito, existia uma supervalorização das disciplinas de Processo, fato que vem mudan-

do com o acréscimo de disciplinas propedêuticas na grade curricular, como filosofia e sociologia. "As diretrizes se preocupavam muito mais com a forma e deixando o conteúdo em segundo plano. O profissional precisa se preocupar com a essência do direito, e a essência do direito é voltado para a pessoa, na dignidade da pessoa humana. Prova disso é que nas próximas provas da OAB serão incluídas disciplinas área humanística", explicou o presidente. A grande dificuldade do ensino jurídico, segundo o presidente da Comissão de Ensino Jurídico da OAB-RN, é a responsabilidade de cada personagem envolvido neste processo de ensinamento, que são os professores e alunos. "Os alunos, principalmente, precisam ter a consciência de que se não estudar, não chegarão a lugar nenhum. Nunca vi uma geração com tanto acesso à informação e não saber aproveitar essa gama de informações em beneficio próprio e da profissão", destacou Raimundo Alves.

> PROJETO

‘Covisa Mirim’ forma agentes multiplicadores nas escolas A Vigilância Sanitária de Natal (Covisa) desenvolve anualmente um ciclo de palestras educativas nas escolas municipais de Natal, dentro do projeto Covisa Mirim. Em alusão ao Dia Mundial de Combate ao Fumo, o tema que está sendo abordado este ano é "Os males causados pelo cigarro". O chefe do Núcleo de Educação e Comunicação em Saúde da Covisa, Carlos Magno de Oliveira foi o responsável pelo debate realizado nesta terça-feira na Escola Municipal Antônio Severiano, no Conjunto Pirangi. Magno Oliveira informou que as escolas Santos Reis, no bairro do mesmo nome na zona Leste; Vera Lúcia no Parque das Dunas; Nossa Senhora dos Navegantes, na Redinha, estas duas na zona Norte; Antônio Severiano no conjunto Pirangi (zona Sul) e Luis Maranhão Filho, na Cidade Nova (zona Oeste) recebem ações do programa Vigilante Mirim que aborda diversos assuntos - como combate a dengue; alerta para salvar a natureza; hepatite viral; consumo de alimentação saudável como frutas com o objetivo de torná-los agentes multiplicadores. O coordenador da Covisa ressaltou que nas décadas de 60 e 70, os jovens tendiam mais ao fumo em conseqüência aos comerciais de marcas de cigarro que associavam o consumo do cigarro "ao sucesso", o que hoje é combatido. "Um produto ruim sempre faz um co-

mercial melhor, mais forte, o cigarro sempre foi assim" adiantou, lembrando que numa pesquisa atual os jovens começam a fumar entre 10 e 11 anos. "Este dado nos levou a organizar estas palestras com alunos do 5º ano, que em média têm idade entre 9 e 10 anos". Durante a palestra, os jovens são informados sobre os perigos do hábito de fumar e as conseqüências que este hábito causam ao organismo, com problemas irreversíveis. "Existe a Lei que proíbe fumar em locais públicos, mas a mãe que fuma prejudica o feto e depois a criança que está no mesmo local. É preciso mudar a cultura em casa. Além disso, afirmar que depois de 20 anos sem fumar o pulmão está limpo, tem suas variantes. Pois apesar de não haver mais possibilidade de agravamento, o estrago feito é irreversível", observa. Este trabalho realizado pela Covisa tem periodicidade quinzenal nas escolas vinculadas ao programa. "A manutenção da saúde é conseqüência da educação e da comunicação dos fatos. A campanha contra a dengue é um exemplo de que, graças à divulgação, tem sido possível orientar as pessoas para que não tenham foco do mosquito em casa", adianta. O fumo quando queimado produz mais de quatro mil substâncias químicas, sendo que 60 delas são

cancerígenas. A dependência é causada pela nicotina, um dos elementos presentes no tabaco ou fumo. Após a ingestão da fumaça, o cérebro é estimulado ao prazer, porque a nicotina cai na corrente sanguínea. Com isso, o fumante tem sensação

de bem-estar, atenua a ansiedade, diminui a fome, perde peso, sente-se relaxado. O fumo é uma planta variável em mais de sessenta espécies, que pode ser preparadas para mascar, cheirar ou fumar. Porém, apenas algumas delas são cultivadas para o

processo de industrialização. O fumante, com o passar do tempo, adquire uma doença denominada tabagismo, que se caracteriza pelo excesso de nicotina no organismo. O maior dos malefícios do consumo de fumo é o câncer de pulmão,

que responde por 90% dos casos da doença. Além desse, o cigarro também pode causar câncer de boca, mau hálito, dentes amarelados, impotência sexual, gangrena em partes do corpo (diminuição da circulação do sangue), dentre outras.


10 O Jornal de HOJE

Natal, 30 de maio de 2012

Cidade

Quarta-feira

Vereador e empresários são presos em Mossoró OPERAÇÃO VULCANO, DEFLAGRADA PELA POLÍCIA FEDERAL, MP E CADE, INVESTIGA CARTEL DOS POSTOS DE COMBUSTÍVEIS Fotos: cedidas pela PF

ALESSANDRA BERNARDO REPÓRTER

Um vereador e sete empresários de Mossoró foram detidos, nesta manhã, pela Polícia Federal, acusados de formar cartel de venda de combustíveis no município, no Oeste Potiguar. O presidente da Câmara Municipal de Vereadores, Francisco José Lima Silveira Júnior, é apontado como um dos envolvidos no esquema, que teria ainda pressionado a aprovação de leis para barrar a entrada de novos concorrentes, principalmente em supermercados e shoppings centers locais. A operação, batizada de Vulcano (Deus do Fogo), foi acompanhada por 90 policiais federais e sete promotores de Justiça. Foram expedidos oito mandados de prisão e 20 de busca e apreensão e durante toda a manhã, a Polícia Federal fez buscas nas residências dos acusados, nos gabinetes da Câmara Municipal e em postos de combustíveis listados como pertencentes ao suposto cartel. Embora a Polícia Federal não tenha divulgado a relação com os nomes dos acusados, o jornal O Mossoroense teve acesso e publicou em seu site a seguinte lista: os vereadores Claudionor dos Santos e o presidente da Câmara de Mossoró, Silveira Júnior (que está fora do

Autoridades que participaram da Operação concederam entrevista coletiva, nesta manhã, em Mossoró, quando falaram sobre diligências e apresentaram materiais apreendidos em imóveis dos suspeitos país); os empresários Pedro de Oliveira Monteiro Filho (posto Mossoró); Otávio Augusto Ferreira da Silva (rede Fan); ex-vereador Pedro Edilson Leite Júnior (posto Santa Luzia); Robson Paulo Cavalcanti (posto Nacional); Carlos Otávio Bessa e Melo (posto Nova Betânia); Sérgio Leite de Souza (posto Olinda) e José Mendes da Silva (rede 30 de Setembro). Desses, somente Silveira Júnior

não foi detido ainda. Conforme uma assessora do presidente da Câmara de Mossoró, que preferiu não ser identificada, ele, que está em viagem internacional com a família e só deve retornar no dia 4 de junho, se encontra incomunicável. Ela afirmou ainda que não sabe qual o destino que seu assessorado escolheu, por ser uma viagem pessoal e que não conseguiu estabelecer contato com Silveira Júnior durante a manhã de hoje.

O Ministério Público do Rio Grande do Norte informou, através da internet, que o "suposto cartel teria fixado preços de combustíveis e pressionado para a provação de leis que barram a entrada de novos concorrentes". Os projetos citados teriam barrado principalmente a concorrência de postos em supermercados e shoppings centers em Mossoró. As investigações que geraram

a Operação Vulcano, deflagrada em conjunto pela Polícia Federal, Ministério Público Estadual e o Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade), começaram em novembro passado. Em abril deste ano, o Procon Estadual vistoriou postos de combustíveis do município e, na ocasião, 20 donos de estabelecimentos foram autuados em flagrante por prática de preços abusivos.

O vereador Genivan Vale esteve na sede da Polícia Federal em Mossoró, no bairro de Nova Betânia, na manhã de hoje. Ele foi ouvido pelos delegados e prestou esclarecimentos sobre o projeto de lei que ele apresentou e que permitia a implantação de postos de combustíveis em supermercados. Em seguida, ele foi para a Câmara Municipal, mas não deu nenhum detalhe do que foi questionado pelos policiais.

> VIZINHO AO COMANDO GERAL DA PM

> REFORÇO

Ladrões arrombam sede do América e fogem com computadores e R$ 15 mil

Segurança receberá 85 policiais civis

A sede social do América Futebol Clube, na avenida Rodrigues Alves, no Tirol, foi arrombada durante a madrugada de hoje. Os ladrões teriam entrado no prédio através de uma janela quebrada e invadido vários setores da diretoria. Segundo o diretor financeiro da entidade, Eduardo Pagnocelli, foram roubados cinco computadores, um aparelho de TV, uma impressora, vários aparelhos de telefones e um cofre contendo R$ 15 mil em espécie, além de um notebook e diversas camisas e shorts oficiais do time, entre outros produtos. No momento do crime, um vigilante estava na sede, mas não teria percebido a ação dos ladrões, que, conforme informações do 1º Batalhão da PM, foram direto para a área da diretoria e presidência. Eles arrombaram as portas dos departamentos Social, de Futebol, Financeiro e a Tesouraria. Depois de roubarem dentro do prédio, os criminosos ainda arrombaram a porta de vidro da loja do América, na parte externa da sede, onde roubaram um computador portátil e diversos produtos oficiais do time. Os funcionários do estabelecimento não souberam informar a quantidade de peças levadas pelos bandidos. Na fuga, os bandidos ainda deixaram cabides e uma garrafa de vidro jogada no jardim da frente. A Polícia Militar informou ainda que, apesar da sede social do América possuir sistema de alarme de segurança, os dispositivos não foram acionados durante o arrombamento, o que impediu uma ação

Fotos: José Aldenir

Bandidos deixaram rastro de destruição na loja, onde manequins foram derrubados e diversas camisas roubadas; sala da diretoria também recebeu a ‘visita’ dos ladrões rápida e eficiente por parte da PM, que só soube do ocorrido momentos após o crime.

Os ladrões fugiram em um veículo não identificado, logo após o arrombamento. Policiais do 1º

BPM, que foram até o local pouco tempo depois, ainda dizeram buscas para tentar identificar e loca-

lizar os culpados pela invasão, mas até o final da manhã de hoje, não tinham obtido sucesso.

A Polícia Civil do Rio Grande do Norte receberá o reforço de 85 novos policiais, aprovados no último concurso público. A nomeação e convocação dos 20 delegados, 14 escrivães e 51 agentes foi autorizada pela governadora Rosalba Ciarlini e divulgada no Diário Oficial do Estado (DOE) de hoje. Moradores de 20 municípios serão beneficiados pela medida do Governo. Segundo o delegado geral da Polícia Civil, Fábio Rogério Silva, os novos policiais civis nomeados hoje serão distribuídos entre as delegacias regionais do Estado. Ele disse que a medida visa reforçar a segurança nos municípios do interior, que sofrem atualmente com o aumento da criminalidade, causado principalmente pelo avanço das drogas nas pequenas e médias cidades. "Fui delegado regional e conheço a realidade do interior, que carece de efetivo", afirmou. Na última nomeação, ocorrida em 31 de dezembro passado, foram chamados 87 candidatos aprovados, no entanto, 16 não compareceram à convocação. Por causa desse desfalque, a governadora decidiu nomear mais uma turma, para tentar suprir as necessidades que o Estado enfrenta na área da Segurança Pública. De acordo com informações da Secretaria de Comunicação do Estado, já foram nomeados 156 aprovados. Os 85 novos policiais serão distribuídos para os seguintes municípios: Açu, Angicos, Arez, Baraúna, Parnamirim, Ceará Mirim, Extremoz, Touros, São Bento do Norte, Marcelino Vieira, Caraúbas, Campo Grande, Umarizal, Janduís, Lajes, Nísia Floresta, Goianinha, São Miguel, Parelhas e Currais Novos.


Cidade

Quarta-feira

Natal, 30 de maio de 2012

1 E1 den o O Ja H lrJ

O Jornal de HOJE 11

edadC i

Alex Medeiros alex.medeiros1959@uol.com.br

A Copa de Garrincha e Masopust Neste 30 de maio está fazendo exatos 50 anos da abertura da Copa do Mundo de 1962, realizada no Chile, quando a seleção do Brasil sagrou-se bicampeã numa apresentação épica de Mané Garrincha, que fez gols de todo jeito, até de cabeça e de pé esquerdo. Quatro anos antes, o mineiro Juscelino Kubitschek, chamado de "Presidente Bossa Nova", nem tanto pelo ritmo musical que exibia ao mundo uma importância artística brasileira, mas pelo modernismo dos seus atos, recepcionara os campeões de 1958. A segunda conquista consecutiva da seleção canarinho - termo cunhado na Copa de 1954 pelo locutor Geraldo José de Almeida e bastante difundida na Copa de 1970 - provocou um carnaval nas ruas do país e a taça foi levada ao presidente João Goulart. O mês de maio de 1962 começou com Jango apresentando ao país, durante festa do Dia do Trabalho em Volta Redonda (RJ), as suas reformas de base, que em pouco tempo seriam um dos motivos para o poder ser solapado das suas mãos ausentes do Planalto. Mas, naquele momento histórico, enquanto os conflitos de classe chamavam a atenção dos militares, o povo brasileiro dirigia olhos e ouvidos para os gramados do Chile, onde a seleção nacional passou pelas oitavas de final ainda sem demonstrar segurança. A equipe treinada por Aymoré Moreira se despediu do Brasil no dia 19, num treino no estádio das Laranjeiras, do Fluminense, na presença do governador da Guanabara, Carlos Lacerda e do próprio presidente da República, João Goulart, o Jango do povo. Na primeira fase do certame, o melhor time foi a Hungria, que obteve 83% de aproveitamento, ficando a Suíça como a pior, com três jogos e três derrotas. O Brasil tinha praticamente o mesmo time da Copa na Suécia, com pouquíssimas alterações. Na estréia, vitória por 2 x 0 sobre o México com uma imagem mais do que representativa do que Garrincha significava para os adversários. Uma foto histórica do gênio do Botafogo cercado por nove mexicanos, exceto o goleiro e o centro-avante. Na segunda partida, um golpe que assustou a delegação e o país inteiro: Pelé acusa a gravidade de uma contusão e tem que abandonar o campo, gerando um dos momentos mais elegantes de toda a história do futebol, protagonizado pelo tcheco Masopust. Os olhos do poeta Thiago de Mello e do jorna-

DIPLOMACIA COVARDE

As maiores potências do mundo expulsaram os embaixadores da Síria de seus domínios. Já o Brasil petista, que tem uma comissão buscando crimes de ditaduras pregressas, ignora a matança de inocentes por parte do governo do ditador Bashar al Assad.

O INDECOROSO

Luiz Inácio vai ter que carregar com ele um segundo trauma, além das derrotas eleitorais (no 1º turno) para FHC: as manifestações que se multiplicam no país contra sua postura anti-republicana, sua intempestividade de sindicalista perpétuo.

RITMO LENTO

A notícia está no Painel da Folha e cabe uma pergunta: por que o ministro Ricardo Lewandowski não aceitou a sugestão do presidente do STF, Ayres Britto, de contar com a ajuda de quatro juízes auxiliares para concluir a revisão do voto do mensalão?

estão, respectivamente, nas terceira e quarta posições da tabela, no chamado G4.

LIVRO

A biografia de Luis Tavares de Lyra, lançada recentemente pelo advogado Armando Holanda e editado pela Academia Macaibense de Letras, teve os exemplares doados para 70 escolas urbanas e rurais da vizinha cidade e para entidades culturais do estado.

LIVROS

Entre junho e julho, a AML promoverá mais três lançamentos de biografias de figuras históricas de Macaíba: Auta de Souza, em texto de Jansen Leiros; Augusto Tavares de Lyra, por Anderson Tavares; e José Melquíades de Macedo, de Ubirajara Macedo.

DE ELIO GASPARI lista Mário Filho (que deu nome ao Maracanã) arregalaram quando Pelé, aos 25 minutos do primeiro tempo, mandou a bomba para o goleiro Schroiff, que dá um tapa e a bola resvala na trave e vai ao córner. Entretanto, o susto das duas personalidades que acompanhavam a delegação não foi por causa do belo chute do rei, mas pelo seu gesto segundos depois: Pelé faz uma careta, põe a mão na coxa esquerda e não consegue mais se movimentar direito em campo. Didi e Zito tentam estimulá-lo a superar a dor, para evitar que o time jogue com um a menos, ainda mais sendo ele (Amarildo só entraria no jogo seguinte, contra a Espanha). O rei ficou alguns minutos se arrastando, buscando ao menos fazer alguns passes. Poucos zagueiros no mundo, naqueles anos (exceto Bellini e Bobby Moore), tinham a categoria e liderança de Masopust. Ele percebe a agonia de Pelé e surpreende seus companheiros ordenando que ninguém o combata quando estiver com a bola. A cena seguinte é uma crônica para a eternidade, um quadro dos mestres da pintura: Pelé recebe de Zito e tenta caminhar com a bola, a alguns metros do lateral esquerdo Lala. O marcador olha para seu capitão e então põe a mão na cintura, estático. Então, Masopust vai em direção ao rei e estende o braço oferecendo-lhe o caminho da saída; Pelé para, entende a situação e atira a bola para lateral. Sai de campo em definitivo para não mais voltar naquela Copa. Masopust ao lado como anjo da guarda. O jogo encerra em 0 x 0, o Brasil e a Tchecoslováquia seguem em frente atropelando seus adversários, até se encontrarem outra vez, na grande final. E coube a Masopust abrir o placar, que seria virado com Amarildo, Zito e Vavá e mais um show de Garrincha. (AM)

"A comunicação do ocorrido ao ministro Ayres Britto deveria ter desencadeado uma imediata iniciativa pública... O cargo em que está investido recomendava que pedisse ao colega que narrasse o episódio na sala de sessões da corte, ao vivo e a cores".

LULA MENTE

No microblog do Twitter, a tag #LulaMente bateu um recorde de permanência entre os temas mais discutidos do dia de ontem, desde às 6h da manhã até ao meio da tarde. A trolada provocou histeria na militância petralha que tentou emplacar outras tags.

SLOGAN

Aliás, por falar em vagareza, parece que a FIFA resolveu homenagear a tartaruga, um dos bichos mais representativos da nossa fauna, e que tem muita similaridade com o ritmo das obras da Copa 2014 e também com a própria disposição dos brasileiros.

ARQUIBANCADAS

E o portal Folha Online confirmou hoje o que eu venho repetindo aqui há alguns anos: até o futebol dos EUA atrai mais público aos estádios do que o Brasileirão. A média lá está em 19 mil e foi de 17,8 mil em 2011 contra apenas 14,9 mil por aqui.

TROLANDO NEYMAR

Por enquanto, nenhum jornalista da área esportiva publicou o real motivo, ou mesmo aparente, que levou milhares de tuiteiros a subir para a liderança do TT Brasil, ontem, a hashtag #NeymarUsaCalcinha. Pelo que sabe-se, o craque só usa cuecas Lupo, né?

SÉRIE B

Apenas duas rodadas do Brasileirão do B já foram suficientes para levantar os ânimos das torcidas de América e ABC, que venceram ontem seus jogos e

MODA E BELEZA Ela usa a criatividade inerente às arquitetas para fazer do seu blog um dos mais acessados do RN, com milhares de visitas diárias. Flávia Pípolo esbanja charme e beleza pessoais num espaço com dicas e comentários sobre moda, arquitetura, decoração, acessórios, estilo e postura, tudo num show de edição fotográfica. www.blogdaflavia.com.br.

João Ricardo Correia jornalistajoaoricardocorreia@gmail.com / joaoricardocorreia@yahoo.com.br / Twitter: @joaoricardorn

ALEGRIA 2 Formado por estudantes, cabeleireiros, maquiadores, costureiros e funcionários públicos, o “Quadrilha Drag Queen” pede passagem e, com muita alegria, humor e talento, promete muita diversão e descontração nas noites de São João. ESGOTOS A Caern está trabalhando para proporcionar condições para execução de novas ligações nas regiões Sul, Leste e Oeste de Natal. Atualmente, ligações de esgotos estão sendo implantadas em Morro Branco e Nova Descoberta, e beneficiarão 36 mil pessoas. O serviço está sendo prestado por uma empresa especializada contratada pela Caern durante um ano.

VÊNUS Em menos de uma semana, os admiradores do espaço sideral terão oportunidade única: observar a passagem do planeta Vênus pelo sol. O fenômeno ocorrerá no próximo dia 5, em praticamente toda a terra, segundo a agência espacial dos Estados Unidos, a Nasa. De acordo com os especialistas, os trânsitos de Vênus são raros e ocorrem aproximadamente a cada século. A previsão é que o fenômeno não se repita até 2117. VÊNUS 2 O fenômeno começará por volta das 15 horas na região do Pacífico (16 horas em Brasília). A Nasa informou que a passagem de Vênus pelo Sol poderá ser observada em alguns países a olho nu, como o Chile, por exemplo. Os especialistas, segundo a Agência Brasil, recomendam que o fenômeno não deve ser observado diretamente (sem proteção), pois a luz é intensa. A orientação, segundo os técnicos, é usar um tipo de proteção. Os que tiverem oportunidade podem procurar os clubes de astronomia que dispõem de telescópios solares, específicos para a observação de fenômenos como o que ocorrerá no dia 5. De acordo com especialistas, a imagem é do Sol em vermelho dominado por Vênus. FESTEJOS A Fundação Parnamirim de Cultura promoveu uma reunião no Galpão Belas Artes, na segunda-feira passada, com vinte representantes de arraiás e quadrilhas juninas do município, para esclarecer sobre os procedimentos de apoio aos festejos juninos. A iniciativa do presidente da Fundação, Haroldo Gomes, tem como proposta democratizar o acesso aos festejos. “Estamos lançando o Edital Parnamirim Junino para facilitar o acesso aos apoios concedidos a este tipo de evento e dar mais transparência ao processo”, explicou Haroldo, revelando que serão selecionados dez arraiás e cinco quadrilhas juninas que comporão parte do roteiro junino da cidade, buscando valorizar as tradições culturais do período.

De virar a cabeça

ALEGRIA O grupo junino "Quadrilha Drag Queen" foi fundado há 20 anos, com a proposta de, com muita irreverência, humor e resgate das tradições juninas, participar dos festejos da cidade e do Estado, fazendo a inclusão social e cultural da comunidade LGBT, numa festa de tradição e alegria, sempre pregando o não à homofobia, o respeito às minorias.

Wellington Rocha

CINEMA O conjunto habitacional Jardins de Extremoz receberá amanhã, 31, o Projeto Cultural Cinema na Praça, em sua 13ª edição, às 18h30, na praça pública da comunidade. O projeto é de iniciativa da Prefeitura de Extremoz, por meio da Comissão Pró-Selo Unicef. As próximas edições ocorrerão nas comunidades de Campinas e Estivas, nos dias 14 e 21 de junho, respectivamente. Somente no segundo semestre, a comissão divulgará as próximas localidades que serão contempladas com a iniciativa.

Uma liderança comunitária da zona Norte de Natal chegou para um político, que a ajudava há anos e está sem mandato, e disse: “Esse ano eu vou votar em outro, porque ele me deu um portão de alumínio”.

CLARIDADE Moradores da rua Marcos Augusto Teixeira Carvalho, esquina com a rua dos Cometas, no bairro Planalto, em Natal, comunicam que a lâmpada do poste "B12818", que estava apagada há dois meses, foi trocada, após reclamação publicada sábado passado neste espaço. É hora de agradecer a atenção da Semsur.

Matuto na chuva No meio da torcida do América, como sempre, lá estava ele, o jornalista-matuto Joaquim Pinheiro, acompanhando mais uma vitória do seu time do coração, dessa vez sobre o Avaí, ontem à noite, em Goianinha. Do lado esquerdo do torcedor, seu filho Paulo Pinheiro, competente fisioterapeuta, que vibrava e se protegia da chuva com a bandeira do Mecão. Pense numa dupla molhada e feliz: Pinheirão e o “Jovem Paulo”.


12 O Jornal de HOJE

Natal, 30 de maio de 2012

Cidade

Daniela Freire

I

Quarta-feira Mulheresnofds

I

I

POLÍTICA E SOCIAL - daniela.freirecosta@yahoo.com.br

w SEM LENÇO...

MÆrlio Forte

MÆrlio Forte

Como este espaço é aberto a todos os lados, a coluna de hoje traz nova carta de João Felipe da Trindade, ex-secreDesfile Aüslander, Fashion Rio

tário de Administração de Natal durante o período da

w VAZIO

gestão de Carlos Eduardo

Observadores e políticos, inclusive detentores de mandato, estão estranhando a agenda da governadora Rosalba Ciarlini dos últimos dias. >>> A falta de detalhes vem se repetindo... >>> Ninguém sabe o quê, nem por que, nem quando e nem com quem...

Alves que teve as contas analisadas e rejeitadas pela Câmara Municipal de Natal. >>> Desta vez, João Felipe faz referência a uma resposta dada ontem pelo vereador Enildo Alves, líder da prefeita Micarla de Sousa e responsável pelo relatório da Comissão de

w2

tas do pedetista, sobre questionamentos feitos à coluna em relação à falta de especificação dos três mil atos ilegais alegados no documento. >>> O ex-secretário garante: "Não há nomeação de cada ato considerado irregular. Não houve apuração de quem quer que seja da irregularidade de cada

A Diniz Prime apresenta amanhã a nova coleção da grife argentina Absurda para o público natalense. A ótica vai receber seus convidados para um coquetel a partir das 18h30, na loja da Rua Mossoró, em Petrópolis. O evento vai contar com a presença do DJ e ex-BBB Alan Passos

Estilo deputado Getúlio Rego. Democrata presente ontem a uma reunião da Unale na AL DeSaboya.com

ato. Simplesmente, o que MÆrlio Forte

houve foi a afirmação de Enildo de que eles eram irregulares, por terem sido conce-

w RESENHA FOR MAKE

didos no período referido (05/07/2008 a 31/12/2008). Os atos que ele cita tem naturezas diferentes e deveriam ser examinados um a um".

w ...E SEM DOCUMENTO João Felipe enviou à coluna Leonardo e Fabiana Lyra curtindo o Samba do Largo

uma cópia do ofício do presidente da Comissão de Finanças, Orçamento e Fiscalização, assinada pelo presidente vereador Maurício Gurgel, para o ex-prefeito pedindo esclarecimentos.

acompanhado de qualquer anexo, caso contrário o ofício faria referência. Simplesmente, faz uma observação: Publicados nos Diários Oficiais do Município de Natal, no período de 05/07/2008 a 31/12/2008. No documento, o presidente da Comissão não põe à disposição do Prefeito os processos para exame, como faz, comumente, o TCE nesses casos. E mesmo que tivesse sido colocado, o prazo teria que ser maior, para se responder cada um. Não interessava a Enildo elastecer o prazo. Por isso, também, não devolveu para o TCE", disse o ex-secretário.

Lá também será palco para gravação de mais um programa Moda & Atitude, apresentado pela coleguinha Érika Nesi. >>> Foco para a beleza para homens e mulheres, abordando vários convidados famosos e super especiais sobre o tema. >>> O programa já vai ao ar no próximo sábado, dia 2, na Sim TV.

GIRO PELO TWITTER Aniversariante de ontem, a competente chefe de gabinete da UFRN Célia Ribeiro comemorou com a família. Na foto, com o filho Manoel Ribeiro

>>> "Esse documento não foi

ENCONTRINHO Será hoje, às 19h, no salão de festas do badalado Belomonte, o 2º Encontrinho da Parfumerie, evento destinado a mostrar os últimos lançamentos das marcas internacionais mais poderosas do mundo. >>> Ocasião que será restrita à imprensa e blogs. Durante a festa, aliás, será escolhido o blogueiro que vai ficar responsável pelo site www.parfumerie.com.br. >>> Tudo organizado por Rochelle Cabral e Gabrielle Cahu. Com certeza o evento será ‘bacanérrimo’, como dizem as ‘it girls’ potiguares, e planejado nos mínimos detalhes, alem de super exclusivo. O

Finanças reprovando as con-

w MAIS

Outro detalhe ressaltado pelo agora professor da UFRN: "Enildo diz nos seus discursos que as incorporações foram de pessoas ligadas ao Prefeito. Mas essas pessoas estavam ocupando cargos comissionados ou funções gratificadas que davam direito a incorporação. Muitas delas estavam com o Prefeito há seis anos e meio. Quando alguém solicita incorporação, seu processo é examinado em várias instâncias para saber se cumpriu os requisitos da lei. O Prefeito quando concede a incorporação, não o faz por uma benesse dele, mas por um direito que o servidor conseguiu. E isso, não é proibido". >>> João Felipe também faz considerações sobre os enquadramentos ("Quem observar, nos Diários Oficiais, verá que esses enquadramentos referentes aos órgãos como FENAT, Alimentar, tinham uma recomendação de uma das Promotorias do Estado), sobre mudanças de níveis, plantões e etc. "Veja, Daniela, que cada ato tem sua natureza e sua legislação. Os plantões, por exemplo, não poderiam ser concedidos? O mandato de um Prefeito tem duração de quatro anos, e não três anos e meio. A decisão da Câmara foi açodada, não teve o exame consciente dos vereadores. A única pessoa que se dedicou de corpo e alma ao assunto foi o vereador Enildo. Mas ele não examinou detalhadamente cada ato, mas, simplesmente, colocou um número alto para impressionar o povo e seus colegas", afirmou.

w DISCURSO PROGRAMADO?

... da ex-governadora Wilma

>>> ...nos bastidores da eleição em Natal, comenta-se que a coletiva concedida pelo vereador Júlio Protásio (PSB,) para afirmar que sofreu "vingança" da prefeita Micarla de Sousa por ter votado a favor de Carlos Eduardo na Câmara, foi previamente combinada. >>> E orientada pela equipe jurídica que defende o ex-prefeito. >>> Com o objetivo de obter um maior número de notícias favoráveis ao pedetista no sentido de que a votação das contas foi política.

Negra nunca esteve tão feia.

Falando nisso...

w DE OLHO

O Ministério Público vai apurar a composição do Conselho Municipal de Saúde de Natal. >>> O Promotor de Justiça, em substituição, Flávio Henrique de Oliveira Nóbrega instaurou Inquérito Civil para apurar irregularidades na composição do Conselho, diante de possível descumprimento da Lei Federal n.º 8.142/90. >>> De acordo com essa Lei, "o Conselho de Saúde, em caráter permanente e deliberativo, órgão colegiado composto por representantes do Governo, prestadores de serviço, profissionais de saúde e usuários, atua na formulação de estratégias e no controle da execução da política de saúde na instância correspondente, inclusive nos aspectos econômicos e financeiros, cujas decisões serão homologadas pelo chefe do poder legalmente constituído em cada esfera do Governo".

de Faria: "A praia de P Falta de manutenção e avanço do mar destruíram parte do calçadão e recuperação é adiada"; ...do vereador e presidente da CMN Edivan Martins: "Deputado José Luís Tchê destaca iniciativa da Fecam/RN de promover Fórum para as Câmaras Municipais dentro da programação da Unale"; ...da blogueira Laurita Arruda: “Mandar abraço virou coisa perigosa, viu colega? Provar, claro, são sempre outros 500, ou 250...”.


Cidade

Quarta-feira

Natal, 30 de maio de 2012

O Jornal de HOJE 13

Cena Urbana VICENTE SEREJO - serejo@terra.com.br w LISTA - I Há uma grande expectativa na classe política em torno da lista de nomes fichas sujas que será divulgada pelo Tribunal de Contas do Estado. Menos pelas presenças e mais se existir alguma ausência estranha.

w ÁGUA O ex-deputado Antônio Câmara escreve para discordar de François Silvestre e da coluna. Para ele, a água das adutoras hoje salva a região do Mato Grande. A esperança de Toinho é antiga. Vem desde sessenta.

w FIM - II Para uma boa fonte jurídica, o episódio da Câmara Municipal condenando as contas do ex-prefeito Carlos Eduardo Alves pode por fim nas contas 'aprovadas com restrições', uma desgastada metáfora do perdão.

w GARGALO Quando a ponte de Igapó engarrafa a Ponte Newton Navarro, no sentido Redinha-Praia do Forte, vira um verdadeiro gargalo com aquela câmara caça-níquel que mulata e limita o trânsito a cinqüenta quilômetros.

w ALIÁS - III Os últimos governos foram todos cercados de denúncias e escândalos, alguns hoje tramitando na Justiça, mas todas as contas foram 'aprovadas com restrições'. Um artifício que a sociedade já não concorda mais.

w PIOR Os grandes engarrafamentos mesmo nos dias de semana e no início da noite são provocados pelas blitz na fiscalização de motos. Na quinta-feira passada foi brutal. Os carros estão livres, mas não conseguem andar.

Palumbo na pequena rua que tem seu nome, em Lagoa Seca

w SINTOMA Como ninguém sentiu falta até agora dos secretários de saúde, justiça e turismo, pelo visto nem a própria governadora Rosalba Ciarlini, quem sabe é hora de fechá-las e economizar uma boa grana no orçamento.

O

O exílio de Palumbo

utro dia, não faz muito tempo, andei reclamando aqui dos antigos feriados que encontrei num velho Almanaque de Lembranças, de 1929, e que há anos cochila nas prateleiras deste pequeno armazém de livros velhos e de ocasião. Figuras e datas abandonadas por esta cidade sem memória que esquece seu próprio passado nas gavetas empoeiradas dos arquivos. Menos de uma semana depois, fui encontrar nas páginas deste JH o artigo de Ormuz Barbalho Simonetti sobre o exílio do arquiteto Giácomo Palumbo. Digo exílio, Senhor Redator, para não ser indelicado com os viventes daquela ruela. Também moro numa rua assim, pequena e estreita, mas não há nada em mim que justifique uma avenida. Já com Palumbo aquela ruela próxima ao cruzamento da Presidente Bandeira com São José, é um exílio do seu Plano de Sistematização. Nem um lugar em Tirol ou Petrópolis a cidade encontrou para homenageálo com dignidade. Tem apenas seu nome numa placa de rua onde ninguém sabe quem ele é e nem o que fez. Não preciso lembrar sua história toda contada que foi por Ormuz Barbalho Simonetti, mas destaco um detalhe que ele ressaltou e que fixa com todos os traços e cores o retrato trágico de uma cidade ainda tão desmemoriada. Conta nosso historiador dos iluminados verões de Pipa que um dia, no ano da graça de 1972, o chefe do arquivo geral da Prefeitura, certamente aborrecido com tanto papel velho, fez ofício ao então secretário do planejamento solicitando permissão para incinerar o que julgava imprestável e inútil.

w AVISO Já há alguns deputados governistas insatisfeitos com o tratamento que recebem do governo. Até hoje seus votos apóiam as mensagens do Palácio Potengi, uma certeza pode não ser tão eterna quanto julga o poder. w HUMOR De um internauta brincalhão com um pedido de publicação, via e-mail, a esta coluna: 'Jovem e saudável o prefeito Carlos Eduardo Alves não tem incontinência urinária como os velhos. Tem incontinência verbal'. w RITO Dos três candidatos eleitos apenas o professor Benedito Vasconcelos cumpriu o ritual de escrever a carta aos acadêmicos votantes e encaminhar sua obra intelectual. Os acordões empobrecem a tradição da ANL.

Contam que veio a resposta concordando, e assim foi feito. Imagino as chamas devorando tudo, os processos, mapas, fotografias, certidões e relatórios. Era a própria história da cidade crepitando nos olhos do burocrata ordeiro e exemplar. Nada restou, a não ser um arquivo limpo e varrido, inútil por não saber contar, com documentos históricos, a evolução urbana da cidade. E de Palumbo, a placa numa rua longe do mundo que ele criou, sem inscrição nenhuma. Num exílio injusto, sem glória e sem consagração. Foi assim com o sítio histórico da Rampa, hoje partido ao meio, para no seu chão histórico agora se erguer uma construção modernosa, a sede do III Distrito Naval. E como se já não bastassem as grandes áreas militares que cercam o perímetro urbano da cidade. A então governadora Wilma de Faria consentiu sob o silêncio da Fundação José Augusto, alegando que a representação local do Patrimônio Histórico tombou apenas a sede da Rampa, na sua clara demonstração de insensibilidade e, mais que isto, incultura. Tem razão Ormuz Barbalho Simonetti quando protesta diante do espaço que a cidade reservou a um dos planejadores do seu desenvolvimento urbano. Não tem uma herma, uma estátua, um monumento, um pequeno jardim, uma rua, uma avenida, nada. Pior: a área de Tirol e Petrópolis sequer foi tombada. Seus canteiros largos estão sendo rasgados para estacionamentos. E ali na Afonso Perna com a Jundiaí um gênio inventou a bestialidade de um contra-fluxo, sinal perfeito da mentalidade modernosa que nos cerca.

w LIXO São vários, de quase todas as regiões da cidade, os e-mails com muitas reclamações contra a ineficiência da Urbana. Os telefones da urbana não atendem enquanto o lixo se acumula. Se você olhar, você vai ver. w EFEITO As agressões do ex-prefeito Carlos Eduardo aos quinze vereadores que desaprovaram suas contas ainda terão um segundo troco: durante a campanha nos bairros de Natal. Alguns dizem que pedirão voto contra. w LUTA - I Fontes muito bem plantadas dentro do PMDB asseguram: a candidatura de Hermano Morais não tem compromissos com a governadora Rosalba Ciarlini nem com a prefeita Micarla de Souza. É livre na luta. w MAS... - II A mesma fonte reconhece: não pode passar do limite nas críticas ao governo para tê-lo no segundo turno se a hipótese ocorrer. O governo não teria dificuldade em trocar Rogério Marinho por Hermano Morais.

Prefácio CONRADO CARLOS - ccpsilva@gmail.com Divulgação

Histórias do silêncio POUCO PUBLICADO NO BRASIL, KENZABURO OE

É UM

DOS PRINCIPAIS NOMES DA LITERATURA JAPONESA

(NOBEL

1994); DESCENDENTE DE SAMURAIS, ESCRITOR VIVEU

EM

EM UM VALE ISOLADO ATÉ OS DEZOITO ANOS, ONDE OUVIU LENDAS E MITOS CONTADOS POR ANCIÃOS

Na introdução de 14 Contos de Kenzaburo Oe, o crítico e jornalista Arthur Dapieve fala sobre choques culturais que um turista ocidental pode enfrentar em Tóquio, onde a metódica e paranoica sociedade vê com desconfiança qualquer negativa retórica. Um simples “não, obrigado”, pode ser entendido com desconfiança - “Talvez outra hora”, “Vemos isso depois” ou “vou ver o que posso fazer” substituem a palavra-tabu, para os nipônicos. Não é para menos, se observarmos a passado sedutor e turbulento país. Outrora poderoso, o Japão viu, nas últimas décadas, sua influência ser reduzida pelo poderio sino-americano, o que provocou mudanças comportamentais, sobretudo entre os jovens – pense em como viveríamos se outra nação nos implodisse com bombas atômicas, para logo em seguida instalar bases militares e nos empurrar sua cultura goela abaixo. Por ironia, como recente retrato de um conflito armado, o diretor Shohei Imamura (1926-2006) explorou os ataques ao World Trade Center, no filme coletivo "11'09''00", aquele dos onze filmes de onze minutos, conduzidos por onze cabeças diferentes, na visão de um ex-combatente da 2ª Guerra que, na volta para seu vilarejo natal, vira mudo, inerte e antissocial, pois vive e pensa como uma cobra, ao ponto de rastejar e engolir ratos. O trauma de guerra é um sonoro não a vida, não a realidade, não a lucidez. Daí vem a urgência de lermos Oe. Logo no primeiro conto dessa antologia indispensável, surge a semelhança com a história do homem-cobra. Em O Armazém Zoológico, funcionários de um depósito se envolvem em um imbróglio com uma jiboia pertencente a um circo – a falta de comunicação e preocupação com a natureza mostra o egoísmo que nos reveste. O silêncio e a recusa do estabelecido permeiam as narrativas aqui selecionadas (escritas entre 1957 e 1990). Dapieve fala no acordo tácito firmado entre os japoneses, para quem um simples baixar de cabeça aponta opiniões, sofrimentos e anseios. E é disso que se alimenta a prosa de Oe (Nobel de Literatura em

1994). Se a Terra do Sol Nascente é avessa à psicologia – falar de si mesmo é sinal de fraqueza, sua obra é puro tormento existencial. Como estudante de literatura francesa, Kenzaburo era fã de Sartre - o que explica a profundidade com que aborda temas como solidão, complacência, loucura, timidez, inadequação sexual. Três contos destacam-se nessa miríade sentimental. Em Salte Sem Olhar, um jovem é sustentado por uma prostituta mais velha, ao mesmo tempo em que convive com estrangeiros farristas e degenerados. Agravidez de uma nova amante perverte ainda mais a situação. Já em Os Pássaros, a atmosfera kafkiana está presente no retrato de outro jovem, este aprisionado em seu quarto, que acredita ter a companhia (e o amor!) de dezenas de aves, enquanto evita a todo custo o contato com seres humanos. Enganado por familiares, ele é internado em um manicômio, onde torturas físicas e psicológicas terão um desfecho angustiante – e levanta a questão sobre a tendência humana em evitar estranhos, com o passar dos anos. Mas, talvez, seu principal conto seja Seventeen. Polêmico quando de seu lançamento, em 1961, o vício em masturbação de um garoto recluso e depressivo de dezessete anos toca em assuntos delicados na puberdade, até culminar em uma crítica política ao então dilema japonês do pós-Hiroshima: como manter as tradições, o conservadorismo, com o fantasma do liberalismo americano e da crescente ideologia socialista? Descendente de samurais, Oe viveu em um vale isolado até os dezoito anos, onde ouviu lendas e mitos contados por anciãos. Durante esse tempo, perdeu o pai aos sete, morto em combate, e viu seu povo ser humilhado pela força aliada. Dez anos depois, sentiu a dor de ter o primeiro filho com uma grave deficiência mental (o que motivou seu maior romance, Uma Questão Pessoal). Pouco publicado no Brasil, este volume chega em boa hora para quem pensa em fugir da imagem eurocêntrica dominante dos Montes Urais para cá. 14 Contos de Kenzaburo Oe Editora: Cia das Letras Preço médio: R$50,00


Cidade

Natal, 30 de maio de 2012

14 O Jornal de HOJE

Quarta-feira

Conscienciologia Cristiane Ferraro, voluntária do CEAEC em Foz do Iguaçu

Fone: 3211-3126

CONSCIENCIOLOGIA@INTERCAMPI.ORG

Comunidade Enciclopédica em Foz do Iguaçu Foz do Iguaçu, cidade turística do estado do Paraná, famosa por ter uma das Novas 7 Maravilhas da Natureza, as Cataratas do Iguaçu, e a Usina da Itaipu, possui também uma comunidade enciclopédica. O que significa isso? A grande maioria dos membros dessa comunidade migrou de várias cidades brasileiras e do exterior para Foz, a fim de participar da elaboração da Enciclopédia da Conscienciologia, organizada pelo professor Waldo Vieira. Waldo Vieira é médico, odontólogo, pesquisador independente e lexicógrafo. Completou agora, em abril, 80 anos de idade e dedicou-se a vida inteira às pesquisas da consciência. Consciência é entendida como ego, alma, self, a essência de cada um de nós. Em 1986, ele publicou o tratado Projeciologia, obra com 1.907 referências bibliográficas, provenientes de 18 idiomas diferentes, oriundas de 28 países, provando a universalidade e a veracidade das conhecidas experiências fora do corpo humano (projeções conscienciais), popularmente chamadas de viagens astrais. A Projeciologia é uma das especialidades da Conscienciologia, cuja proposta é o estudo técnico-científico da consciência multidimensional, pois, além de investigar a pessoa do ponto de vista humano, intrafísico, também se dedica à compreensão da vida consciencial sob análise extrafísica, em outras dimensões energéticas. A Conscienciologia foi formalmente proposta, em 1994, com a publicação do tratado 700 Experimentos da Conscienciologia. O objetivo desse estudo é divulgar o conhecimento sobre a evolução da consciência humana para todos. Aqueles que tenham maior interesse podem buscar os cursos e adquirir os livros cons-

cienciológicos, alguns já disponíveis para download gratuito na internet, bastando acessar www.editares.org, site da editora da Conscienciologia. A Enciclopédia da Conscienciologia é uma obra de muitos volumes. Aborda temas como Tecnologia, Bioengenharia, superpopulação, blocos econômicos mundiais, cidades, culturalismo, lavagem cerebral e Bacteriologia. Cada assunto permite várias entradas, realizando o entrecruzamento das informações em uma rede de conexões ideativas. Os títulos dos verbetes são facetas de ideias gerais, inseridos no universo de mais de 300 especialidades da Conscienciologia. Cada assunto ou verbete da Enciclopédia da Conscienciologia é analisado tendo como base os fatos noticiados pela mídia impressa, ampliando o conhecimento divulgado na sociedade com ideias, abordagens e hipóteses da Conscienciologia para tal tema. Tomemos como exemplo o tema bactéria, assunto importante para o Homem devido à convivência problemática com esse microrganismo unicelular. Podese citar uma curiosidade sobre ela: a quantidade total de bactérias na boca de um indivíduo é superior ao número de toda população da História Humana. Uma questão: a bactéria é a mais antiga estrutura celular surgida no planeta Terra, remonta a 3 bilhões e 800 milhões de anos, segundo a Ciência convencional (Ano-base: 2000). "Se o princípio consciencial da bactéria vive há bilhões de anos, pense há quanto tempo nós, consciências humanas maduras, já estamos vivendo?" (VIEIRA, 2003, p. 486). Esse exemplo ilustra como os textos conscienciológicos e especialmente a Enciclopédia trazem informações da ciência convencional e levantam questões do ponto de vista da evolução. O objetivo é gerar reflexão

no sentido da cosmovisão, aprofundando os pensamentos dos leitores para além da sua rotina e atual visão de mundo. Os verbetes escritos para essa enciclopédia podem ser acessados gratuitamente através do site www.tertuliaconscienciologia.org. Nesse endereço, também é possível assistir ao debate de cada verbete, realizado diariamente, no horário de 12h30 às 14h30, no Tertuliarium, edifício construído especialmente para esses debates verbetográficos. Esse megaempreendimento intelectual está sendo realizado no Centro de Altos Estudos da Conscienciologia (CEAEC: www.ceaec.org), localizado em Foz do Iguaçu (PR). Já são 674 pessoas que mudaram para Foz a fim de colaborar, através do voluntariado conscienciológico, com a escrita dessa obra. Desse total, 154 são professores universitários e 67 são autores de livros. Há, atualmente, 146 pessoas que já escreveram e defenderam verbetes para a Enciclopédia da Conscienciologia. O mais novo verbetógrafo tem 15 anos de idade e o mais experiente 80 anos. Essa obra está atuando como elemento integrador dos voluntários, gerando crescimento intelectual e desenvolvendo o sentimento de compreensão mútua na Comunidade Conscienciológica. Referência: Vieira, Waldo; Homo sapiens reurbanisatus; revisores Equipe de Revisores do Holociclo; 1.584 p.; 24 seções; 479 caps.; 139 abrevs.; 12 Emails; 597 enus.; 413 estrangeirismos; 102 filmes; 1 foto; 40 ilus.; 3 infográficos; 1 microbiografia; 102 sinopses; 25 tabs.; 4 websites; glos. 241 termos; 7.663 refs.; alf.; geo.; ono.; 29 x 21 x 7 cm; enc.; 3ª Ed.; Associação Internacional do Centro de Altos Estudos da Conscienciologia (CEAEC); Foz do Iguaçu, PR; 2003; página 486.

Movimento dos Navios APRONIANO CÉSAR

apronianocfs@hotmail.com

Comunicamos o falecimento da senhora Nalva Fernandes da Silva, ocorrido ontem NATAL Navio Sifnos Sun Flevo Lagoa Carioca Lagoa Paranaense Elisa Smith Bronco Marlin Marfret Marajó CMA-CGM Herodote CMA-CGM Platon

Bandeira Malta México Brasil Brasil I. Marshall Holanda Libéria França United King United King

Elka Aristóteles

Grécia

Agência JFS W. Sons W. Sons W. Sons W. Sons W. Sons Petrobras W. Sons CMA-CGM CMA-CGM

Chegada No Porto No Porto No Porto No Porto No Porto No Porto 30/05 09/06 16/06 23/06

Destino Fortaleza(CE) Guamaré(RN) --Guamaré(RN) Guamaré(RN) Suape(PE) Algecira/ESP Algeciras/ESP Algeciras/ESP

Carga --Em Operação Em Operação ---Contêineres Contêineres Contêineres

Descarga Trigo Draga --Balsa Rebocador Combustível ----

TERMINAL OCEÂNICO DE UBARANA - GUAMARÉ - RN Petrobras

No Porto

Salvador(BA)

Óleo cru

- -Reem Island

TERMINAL SALINEIRO DE AREIA BRANCA - RN TBN Saga Vinking

Dia 30 31

Grécia A. Marítima 30/05 Hong Kong A. Marítima 04/06

TÁBUA DE MARÉS Hora Altura (M) 11:43 2.0 17:58 0.5 00:21 2.0 06:24 0.5

Arraial do Cabo(RJ) Santos(SP)

A PROGRAMAÇÃO É CHECADA DIARIAMENTE, PODENDO HAVER ANTECIPAÇÃO OU ATRASO DE ALGUM NAVIO

Sal Sal

Cheia

---

FASES DA LUA (04/06 - 08:12h)

Minguante

(11/06 - 07:41h)

Nova

(19/06 - 12:02h)

Crescente

(27/06 - 00:30h)

Laboratório Digital RICCARDO CARVALHO - riccardocarvalho.rn@gmail.com

Senado define ciberbullyng e stalking como crimes A comissão de juristas do Senado aprovou propostas para tornar crimes as práticas de bullying e de stalking. Ambas podem ser cometidas virtualmente por meio das redes sociais. De acordo com o coordenador do curso de Direito Eletrônico da Escola Paulista de Direito, Renato Opice Blum, caso o projeto seja aprovado, tanto o cyberbullying quanto a perseguição online também passam a ser crimes. “A conduta independe do meio”, explica o advogado. Pela proposta, o bullying

ficou definido como a prática de "intimidar, constranger, ameaçar, assediar sexualmente, ofender, castigar, agredir ou segregar" criança ou adolescente "valendo-se de pretensa situação de superioridade". A pena prevista é de até quatro anos de prisão quando o autor for maior de idade. Já o stalking seria a “perseguição obssessiva de uma outra pessoa ameaçando sua integridade física ou psicológica ou ainda invadindo ou perturbando sua privacidade”. Nesse caso, a punição seria de até sete anos.

>> INCLUSÃO DE CRIMES DIGITAIS NO CÓDIGO PENAL Na semana passada, a mesma comissão já havia aprovado um agravante para quem criar e usar um perfil falso de uma pessoa ou empresa na rede. Atualmente enquadrado como delito de falsidade ideológica, o crime pode ter pena aumentada em até 50%. A comissão também classificou como crime o acesso não autorizado a um sistema informatizado, mesmo que não haja cópia de dados.

Tablet da HP vem com Windows 7 O Slate 2 investe na interface de toque prevista pelo Windows 7, com a adição de um extra por parte da HP: o teclado Swype. A configuração do tablet também caberia a um notebook pequeno. Um processador Intel Atom Z670 (um núcleo com clock de 1.5 GHz) rege a orquestra de circuitos do Slate 2, acompanhado de 2 GB de RAM DDR2 e um SSD de até 64 GB. Nada fora do esperado para um tablet com Windows 7, com a

Orkut e Google+ O Google começou a oferecer a partir de ontem a possibilidade de integrar os perfis de suas redes sociais Orkut e Google+. Os usuários que têm contas em ambos os serviços poderão optar pela unificação dos perfis. O objetivo da companhia é tratar os internautas presentes nos dois produtos como a mesma pessoa. O perfil no Google+, no entanto, vai prevalecer. Todas as informações postadas lá, como nome e e-mail, serão atualizadas para o perfil do Orkut, único serviço do Google que ainda não tinha integração com o Google+. O link para fazer a unificação está disponível apenas na página do Orkut. Após optar pela junção, o usuário não poderá voltar atrás.

exceção honrosa do chip TPM de criptografia de dados, indispensável para empresas. Mas o destaque vai para as conexões: WiFi n, Bluetooth 4.0, slot de microSD, modem 3G (compatível com HSDPA), P2 e uma USB de tamanho normal. Além de teclado e mouse sem fio, há alguns periféricos como drive de DVD RW externo e uma dock que acrescenta várias conexões ao tablet. O preço sugerido do Slate 2 é R$ 3.759 reais.

Hábitos Hipster Habit App é um site que propõe um sistema de metas para criar hábitos (ou acabar com eles) em 30 dias. Para usálo, é necessário escolher algo que deseje incorporar à rotina. Pode ser tempo de descanso, sono, romance, produtividade, qualquer coisa. A partir da escolha, ele indica passos bem graduais para seguir pelas próximas semanas, incluindo momentos de confirmação do objetivo e pequenas metas para atingi-lo - além de recompensação pessoal por completar etapas. Embora se intitule como aplicativo, sua fase no computador dura pouco. A instrução é para que a ficha que ele produz seja impressa e guardada na carteira para melhor uso.


Esporte

Quarta-feira

Natal, 30 de maio de 2012

O Jornal de HOJE 15

América vence Avaí e segue 100% ALVIRRUBRO

VENCEU PELO PLACAR DE

A

pós golear na sua partida de estreia contra o Goiás, o time do América teve um pouco mais de dificuldade para seguir com 100% de aproveitamento na Série B do Campeonato Brasileiro. Nesta terça-feira, no estádio Nazarenão, o alvirrubro venceu a equipe do Avaí por 1 a 0, com gol marcado por Pingo. Mesmo com um jogo a menos do que boa parte dos adversários, o alvirrubro segue no G-4, na terceira colocação. Mais uma vez, o técnico Roberto Fernandes acertou nas suas modificações no decorrer da partida. Após entrar no lugar do meia Júnior Xuxa, o estreante Raphael Augusto, no seu primeiro toque, deixou Pingo na cara do gol, que só teve o trabalho de completar para o fundo da rede. "O que aconteceu hoje não é nenhuma raridade no futebol. É por isso que todos os jogadores devem ser valorizados, já que mui-

1

A

0. COM

O RESULTADO, EQUIPE ESTÁ NA Wellington Rocha

Atacante Pingo entrou no decorrer da partida e marcou o gol da vitória do Alvirubro

tos jogos são decididos por equipes que foram modificadas durante a partida. Quando chegamos ao gol, não estávamos com a mesma equipe que começou a partida, e isso é importante para valorizar o grupo", falou o treinador Roberto Fernandes ao site oficial do clube. Mesmo com o gol marcado por um jogador que saiu do banco de reservas, o treinador não confirmou se pretende fazer modificações na sua equipe principal. "Eu não posso fazer mudança sem antes dar moral e confiança para saber se meus atletas podem jogar dessa mesma forma fora de casa. Então, vamos buscar manter a mesma pegada, e os resultados é que vão dizer se seremos mais precavidos ou não", finalizou o treinador. Com o resultado, o América segue com 100% de aproveitamento na competição. A equipe soma seis pontos em dois jogos e está na terceira colocação. Enquanto isso,

ABC bate Grêmio Barueri fora de casa e entra no G-4 O ABC entrou em campo nesta terça-feira para conquistar a sua primeira vitória na Série B do Campeonato Brasileiro. Depois de empatar com Ipatinga e Joinville, o time do técnico Márcio Goiano atropelou o Grêmio Barueri por 3 a 0, com gols de Raul e Bombinha (2). Com o resultado, o alvinegro ocupa a quarta colocação na competição. Depois de empatar nos seus primeiros compromissos no campeonato, o técnico Márcio Goiano colocou um time diferente em campo. Jérson, Guilherme e Joelson, que foram titulares nas primeiras partidas, ficaram de fora do time titular. Jardson Sapé, Raul e Adriano Pardal foram os substitutos.

"Chegamos há apenas 18 dias, mudamos alguns jogadores e o sistema de jogo. É difícil, mas estamos tendo tranquilidade, passando isso para eles, para que os atletas possam fazer bons jogos", falou o treinador depois do jogo. Logo no primeiro minuto de jogo, as modificações surtiram efeito em campo. Raul, no primeiro lance de ataque do ABC, abriu o placar na Arena Barueri. Na volta do segundo tempo, novamente o ABC marcou nos primeiros minutos de jogo. Raul fez toda a jogada e deixou Elionar Bombinha tranquilo para ampliar o placar. E, quando o adversário pensou em reagir, Murilo fez um longo lançamento, Bombinha matou com a

perna esquerda e conferiu de direita para o fundo do gol. Esses foram os primeiros gols do atacante no seu retorno ao ABC. "Fico feliz em poder ter ajudado a equipe com meus gols, mas mais feliz ainda por termos vencido e conquistado a primeira vitória na competição. Tínhamos consciência que precisávamos de um resultado positivo e lutamos para alcançá-lo. Mesmo fora de casa, mostramos a nossa força e agora vamos buscar dar sequência", declarou o jogador ao site oficial do clube. Apesar do excelente resultado conquistado fora de casa, o meia Raul pede atenção no próximo compromisso da equipe. "Foi um belo resultado, mas não podemos rela-

xar. Sábado, já temos outro jogo complicado, diante do São Caetano, na nossa casa, e precisamos nos preparar bem para conquistarmos a primeira vitória ao lado da nossa torcida. Vamos trabalhar para isso", afirmou o meia. Com a vitória, o ABC segue invicto na Série B. A equipe alvinegra soma cinco pontos, na quarta colocação. Por outro lado, o Barueri é o lanterna da Série B, com apenas um gol marcado. O próximo compromisso do ABC será contra o São Caetano, no próximo sábado (2), às 16h20m, no estádio Frasqueirão. Na sexta-feira, o Barueri terá um compromisso duro fora de casa, contra o Atlético Paranaense.

Gabriel Negreiros GABRIEL NEGREIROS - gabrielnegreiros@gmail.com - twitter: @gabrielnegreiro DIA DO FUTEBOL POTIGUAR Hoje o clima na capital potiguar está tranquilo. ABC e América venceram pela Série B do Campeonato Brasileiro e ocupam posições importantes na classificação. O América mantém os 100% de aproveitamento e vence a segunda consecutiva. O ABC, que ainda não tinha empolgado, goleou fora de casa e agora virou o jogo, entrando no G4 e carregando o status de invicto nos três jogos que disputou. O América ainda tem um jogo a menos, a ser disputado contra o Vitória, na Bahia, e mesmo assim briga entre os líderes. O equilíbrio da Série B vai fazer os times oscilarem bastante nessa reta inicial e adquirir gordura é essencial. Nunca é demais lembrar que os times sofrerão ainda com as janelas de transferência, lesões, suspensão por cartão e uma série de imprevistos que uma disputa longa

como a segunda divisão impõe. Não pude assistir aos jogos de ontem, posso avaliar apenas os resultados obtidos. Diante deles é bom ressaltar o bom dever de casa feito pelo América, que venceu as duas no Nazarenão, e o excelente retrospecto fora de casa do ABC, que agora tem uma vitória e um empate, nos dois jogos que saiu de Natal. A vitória fora de casa esfriou os ânimos mais exaltados da torcida alvinegra e deixou claro quem é o titular da meia. Os comentários são praticamente unânimes em relação a boa atuação de Raul. No êxito alvirrubro vale o destaque: foram duas vitórias em cima de times importantes e que conquistaram seus campeonatos regionais, casos de Goiás e Avaí. Que a boa fase dos times potiguares se mantenha pelos próximos meses e que a Série B não vire um tormento de cálculos contra o rebaixamento.

EXPEDIÇÃO PÉ NA PRAIA Dia 16 de junho Ponta Negra receberá a Expedição Pé na Praia, que unirá a prática esportiva com ações ecológicas, celebrando a semana internacional do meio ambiente e o Rio+20. As inscrições para o evento estão abertas e entram na reta final. Os últimos kits podem ser adquiridos pelo www.expedicaopenapraia.com.br e custam 30 reais, com direito a camiseta do evento, sacola ecológica, medalha de participação, além do participante usufruir da infra-estrutura preparada para a chegada, com hidratação, frutas e música com a banda Mobydick a beira mar do Hotel Ocean Palace. Um evento para reunir a família e os amigos e curtir Ponta Negra, praia do natalense. PEUGEOT 508 Em Campos do Jordão, São Paulo, a Peugeot apresentou o 508,

principal carro da marca e que desembarca no Brasil. Baseado em uma plataforma tecnológica com diversos itens exclusivos de tecnologia o carro vai brigar em uma faixa de concorrência extremamente pesada. Este é o grande desafio da marca. O 508 custará R$119.000,00 e a expectativa da marca é que o veículo venda aproximadamente 30 unidades / mês. Estive no evento para o test-drive e entrevistas com os representantes da Peugeot. Foi um longo teste, com saída de São Paulo, parada em São José dos Campos e chegada em Campos do Jordão. No circuito de retorno novamente a oportunidade de dirigir o surpreendente motor VHP 1.6, 16 válvulas e 165 cavalos. Não se engane, apesar da cavalaria pequena o desempenho impressiona, principalmente o equilíbrio e constância quando trabalha em alta.

COLOCAÇÃO DO CAMPEONATO

o Avaí é o sétimo colocado, com quatro pontos ganhos. Na próxima rodada, o compromisso do América será contra o

Guaratinguetá-SP, na próxima sexta-feira (1º), fora de casa, às 21h. O Avaí recebe o Joinville no sábado, às 16h20m.

> 3ª RODADA - SÉRIE B 29/05 - 19h30 29/05 - 19h30 29/05 - 19h30 29/05 - 19h30 29/05 - 19h30 29/05 - 21h50 29/05 - 21h50 29/05 - 21h50 29/05 - 21h50 29/05 - 21h50

CRB-AL América-RN Ceará-CE São Caetano Joinville-SC Grêmio Barueri Ipatinga-MG Boa Esporte Criciúma-SC Paraná-PR

3x1 1x0 2x2 2x0 2x0 0x3 1x0 2x1 2x1 0x1

Guaratinguetá-SP Avaí-SC Goiás-GO Bragantino-SP Guarani-SP ABC-RN ASA-AL Atlético-PR Vitória-BA América-MG

> CLASSIFICAÇÃO DA SÉRIE B 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20

Clube América-MG Criciúma-SC América-RN ABC-RN Boa Esporte-MG Ipatinga-MG Avaí-SC ASA-AL Joinville-SC Atlético-PR Vitória-BA São Caetano-SP Bragantino-SP Guaratinguetá-SP CRB-AL Guarani-SP Paraná-PR Ceará-CE Goiás-GO Grêmio Barueri-SP

PG 9 9 6 5 5 4 4 4 4 3 3 3 3 3 3 2 1 1 1 1

JG 3 3 2 3 3 2 3 3 3 2 2 3 3 3 3 3 2 3 2 3

VI 3 3 2 1 1 1 1 1 1 1 1 1 1 1 1 0 0 0 0 0

PisandonaBola AMÂNCIO

amancionatal@gmail.com

EM 0 0 0 2 2 1 1 1 1 0 0 0 0 0 0 2 1 1 1 1

DE 0 0 0 0 0 0 1 1 1 1 1 2 2 2 2 1 1 2 1 2

GP 7 10 6 4 4 2 3 2 3 5 2 2 5 4 3 1 1 4 4 1

GC 1 5 2 1 3 1 3 2 4 3 2 2 6 8 7 3 2 6 7 5

SG 6 5 4 3 1 1 0 0 -1 2 0 0 -1 -4 -4 -2 -1 -2 -3 -4


16 O Jornal de HOJE

Natal, 30 de maio de 2012

Esporte

Quarta-feira

Divulgação

Passe Livre RUBENS LEMOS FILHO - r.lemosfilho@uol.com.br

Machadinho

Seleção encara EUA para formar time olímpico COM NEYMAR COMO DESTAQUE, TIME DE MANO MENEZES REALIZA AMISTOSO NESTA QUARTA-FEIRA. RAFAEL, NO GOL, É A OUTRA NOVIDADE DA EQUIPE

O

técnico Mano Menezes confirmou alterações na Seleção Brasileira para o jogo desta quarta-feira, às 21h07m (de Brasília), contra os Estados Unidos, em Washington. As duas únicas mudanças foram as entradas dos santistas que não estavam presentes na Alemanha por atuarem pela Copa Libertadores da América: Rafael Cabral e Neymar. A equipe que entrará em poderia disputar os Jogos Olímpicos, daqui a pouco mais de dois meses em Londres. Isso porque o time escalado por Mano Menezes tem oito jogadores com menos de 23 anos. Ausente na vitória da seleção frente à Dinamarca, 3 a 1, na Alemanha, Neymar foi incorporado ao elenco nos EUA virando a principal estrela. "O Neymar está em outro patamar. O time ganha em movimentação com a sua entrada",

destacou Mano. "Os Estados Unidos têm uma grande equipe, com grandes jogadores. Vamos procurar mostrar a nossa qualidade, exibir o futebol brasileiro, para buscar a vitória aqui", disse Neymar. Outra novidade no time é o também santista Rafael, que entrará no lugar foi de Jefferson, no sábado. O goleiro, de 22 anos, jogará a sua primeira partida no time principal da seleção. "Tenho mostrado o meu trabalho no clube e agora quero mostrar aqui na Seleção. Estou bem preparado e essa vitória será importante para firmar o nosso nome na lista", comemorou. Com isso, o time vai entrar em campo com a seguinte formação: Rafael Cabral, Danilo, Thiago Silva, Juan e Marcelo; Sandro, Rômulo e Oscar; Neymar, Hulk e Leandro Damião.

Lucas, que jogou na posição contra os dinamarqueses, volta para o banco de reservas, muito por conta da atuação de Hulk no último jogo. O jogador do Porto marcou dois gols, foi participativo e será mais uma vez observado por Mano como opção de jogador acima dos 23 anos para a Olimpíada de Londres. "O posicionamento tático básico é o mesmo contra a Dinamarca. A diferença é que Neymar vive um momento à frente do Lucas hoje, embora se tenha muita expectativa sobre o Lucas e eu me incluo nesse grupo", comentou Mano Menezes. Se o Brasil chega ao jogo embalado por sete vitórias seguidas, os Estados Unidos também vivem série boa. Após um começo de trabalho irregular, o técnico alemão Jurgen Klinsmann - 3º colocado na

Copa 2006 com a seleção de seu país - vive sua melhor fase à frente da equipe desde julho de 2011, quando assumiu o cargo. "Estamos trabalhando muito duro. Quero que eles continuem com fome, quero que eles corram atrás daquelas camisas amarelas. É bom trabalhar com esses caras, infelizmente não os temos por mais tempo à disposição", disse o treinador alemão. Nos últimos cinco jogos, foram cinco vitórias, com grande destaque para o inesperado triunfo sobre a Itália em plena "Bota": 1 a 0 no estádio Luigi Ferraris, em Gênova, conhecido como um dos maiores caldeirões do futebol italiano. No último sábado, enquanto o Brasil vencia a Dinamarca na Alemanha, os norte-americanos detonavam a Escócia por 5 a 1 em grande tarde de Donovan, o craque do time.

> FUTEBOL

Ronaldinho Gaúcho falta a treino pelo terceiro dia consecutivo no Flamengo Ronaldinho Gaúcho não apareceu para treinar com os companheiros do Flamengo nesta quarta-feira. A promessa feita pelo jogador na terça-feira não foi cumprida e o meia não apareceu, pelo menos, no CT Ninho do Urubu. Na véspera, ele pediu liberação ao departamento de futebol para ficar em Porto Alegre. A mãe do jogador, Miguelina, passou por uma cirurgia para a retirada de um tumor e está internada no Hospital Mãe de Deus. Os atletas devem estar no aeroporto às 17h desta quarta-feira, para encarar longa viagem com destino à Teresina. Para receber a

quantia acertada (R$ 1 milhão) pela disputa do duelo desta quinta contra a seleção do Campeonato Estadual local, existe a exigência de Ronaldinho dentro de campo. Segundo o diretor de futebol Zinho, o jogador está liberado e só vai acompanhar o time se estiver bem. “Ontem (terça) ele tinha ligado, falado que a mãe dele estava saindo do CTI para o quarto. À noite, estava esperando a definição do médico sobre ela. Me perguntou se ele não conseguisse chegar para o treino que horas seria a viagem. Disse que seria às 17h30m.

No treino ele não está, a gente tinha deixado à vontade para resolver o problema com a mãe. O time está treinando, já tinha avisado ao Joel que ele poderia não chegar. Estamos no aguardo. Ele está liberado, deixamos ele à vontade para acompanhar o caso da mãe. Queremos o Ronaldo com a cabeça boa. Se ligar e disser que vai viajar, que está tudo bem, tranquilo”, disse o dirigente. Um dos patrocinadores do Flamengo, a Mobil faz ação de marketing no centro de treinamento do clube nesta quarta-feira. Membros da empresa ficaram decepciona-

dos com a ausência do craque no Ninho do Urubu. A relação entre Ronaldinho e Flamengo está a caminho do fim. O seu irmão Assis era a favor da ruptura do contrato - que termina em dezembro de 2014 - desde o início do ano, mas a vontade do irmão de continuar morando no Rio de Janeiro esticou acorda. Na segunda etapa do empate contra o Internacional, o capitão da equipe foi substituído por Joel Santana e deixou o campo sob muitas vaias da torcida. O relacionamento entre jogador e treinador também não é bom.

Aprendi que na vida fora o ofício de repórter é preciso ter lado até jogando paciência. O jornalista João Batista Machado, o professor dos assessores de imprensa do Rio Grande do Norte, é candidato a imortal da Academia de Letras. Estou de bandeira desfraldada por ele, que deverá ser eleito hoje. Que seja a formalização de uma verdade que Pero Vaz de Caminha, o primeiro a escrever nessa pátria não gentil, conhece até depois de virar pó. Machadinho é um Ademir da Guia das palavras, um craque do estilo, um ourives de notícia e história com a indispensável capacidade de escrever bem como fundamento. Machadinho é um amigo e aos amigos, dane-se a isenção. Torço por Machadinho como Nelson Rodrigues pelo Fluminense que vencia em suas crônicas ainda que fosse goleado. A vitória de Machadinho engrandece a cultura potiguar. Tentei defini-lo assim, quando me convidou para escrever o prefácio do seu livro Dossiê Político: >>> Kenny O ' Donnell foi o assessor menos badalado e tolerado pelos colegas da equipe do presidente Kennedy. Também o mais confiável, dizem os biógrafos da Casa Branca. Descendência irlandesa, como o chefe, exerceu discreta e leal influência sobre o emblema do clã, amado e trágico. A ele, que pressentira o perigo, JFK disse, segundos antes de entrar no carro e ser alvejado em Dallas, 22 de novembro de 1963: "Se alguém quiser me matar, é só me atingir de fuzil, aqui tem janela demais." Foi a senha que o presidente deixava para concordar com uma possível conspiração para eliminá-lo. Kenny O ' Donnell foi capitão do time de beisebol em que os irmãos Kennedy(John e Bobby) atuaram na infância. Estudou com eles e, pela perspicácia e confiança, com eles seguiu ao governo. Atuou decisivamente para desarmar o espírito dos militares na Crise dos Mísseis de Cuba e desancava o primeiro a tramar contra o seu líder. Discutia com Kennedy sem contestar sua autoridade. E justificava, sem a menor hipocrisia. "Eu sou seu amigo, digo o que você não quer ouvir, não quero o seu lugar. Você está cercado por cobras sutis, que irão picá-lo quando menos esperar." Assim devem agir os companheiros de verdade. A eles, nunca a falsidade nos sorrisos e a volatilidade de caráter dos bajuladores do poder. No soslaio próprio que é o rosto da intriga. Eles são passageiros à espera do próximo trem agasalhador. Quando conheci de perto João Batista Machado , ele ocupava uma função pública, difícil, ingrata, de assessor de imprensa de governo. Convicto e sem pendões adulatórios. Fonte correta na franqueza e integridade que sempre definiram sua trajetória. Respeitava a todos, mas a sua casa nunca receberia um desaforo. Quem batia, apanhava no verbo. E era abatido com muito mais competência do que quando atacava. Os que conjugam a lealdade são assim, se expõem mais do que se promovem. Sou seu amigo. Pela coincidência de visão humana e pela admiração nascida dos tempos em que o meu pai descrevia a capacidade sintética e elegante do texto do seu amigo vascaíno. >>> Vascaíno e presente na solidão das agonias. Rubens Lemos tem mais amigos depois de morto do que tinha quando vivo. Ganhou mais elogios no túmulo do que na ciranda que foi sua vida. Machado, Machadinho, é das coletas silenciosas para mantêlo no exílio. Nunca propagou a solidariedade que é virtude nele. Gesto livre, de coração. Ele é a marca de uma época: Aquela na qual, para ser repórter, indispensável era saber escrever, regra descartável nos dias de hoje. Machadinho é uma escola para a geração informatizada e empinada de agora. Sempre respeitou o idioma, construiu reportagens que nunca foram simples cumprimento de pautas. São perenes como aulas de história, de conhecimento político e conduta profissional. Machado consagrou a reportagem de ambiente, puro remanescente do refinado estilo Jornal do Brasil. Vou morrer insistindo que analfabeto até pode ser tarefeiro, nunca será jornalista. Li, reli e leio de novo reportagens como a do último dia de mandato do Monsenhor Walfredo Gurgel no Governo do Rio Grande do Norte, testemunhado e descrito com isenção e riqueza pelo repórter. A safra nova prefere os primeiros dias e os meios do poder. O fim e os fins não dão matéria. Quem tem sentimento pelo ofício agradece a narrativa elegante e tensa dos caminhos, conchavos, traições e azares das madrugadas e curvaturas de espinha quando a repressão decidia como se faziam governadores nesta dobra de continente. Machadinho dividiu o privilégio de contar, como em um suspense eletrizante, a origem e as consequências da campanha de 1960, quando o Estado foi dividido numa luta que demarcou sua existência, com uma explosão de massas , divisão de bandeiras, histeria de amor e ódio. Machadinho é testemunha de decisões e vacilações. De avanços, recuos, compromissos e fugas. Preservou-se intacto. Completa-se como jornalista, historiador e articulista, talento. Uma opinião firme e polêmica. É ler imediatamente, sensação da notícia explodindo como nas imortais Olivettis. Porque em Machado não se encontra dúvida ou remorso. É trabalho admirável e de respeito. Equilíbrio perfeito entre o homem e o texto. PARA NÃO ESQUECER Uma terça-feira para a história de ABC e América no Brasileirão. Duas vitórias afirmativas e eloquentes, merecidas, sem discussão. Em Goianinha e Barueri, os times do Rio Grande do Norte orgulharam suas torcidas e jogaram para o Brasil aplaudir. RAUL Raul foi o maestro da surra alvinegra sobre o Barueri. O ABC foi outro time e não encontrou nenhuma dificuldade para ganhar o jogo e cravar três pontos preciosos. Raul mostrou que é titular sem sustos, articulou as jogadas, tabelou e se entendeu com o atacante Bombinha. SEM DISCUSSÃO Um placar de 3x0 não se discute. O ABC foi bem. Sobretu-

do no segundo tempo, quando o Barueri teve que buscar o empate e abriu espaços. O goleiro Andrey é, sem medo de errar, um dos melhores que já passaram pelo clube. Bela vitória. Quase estragada no desabafo do dirigente Flávio Anselmo dirigindo palavrões chulos via terceiros pelo twitter. Foi feio. SEM CITAR NOMES Destempero contra crítica é perda de tempo. Duvidar do sentimento de alvinegros históricos, é estupidez e arrogância. Cabeça fria, Flávio, que sempre foi um cara de trato. GOIANINHA O América contou com o talismã Pingo, ganhou do Avaí , mais uma vez optando pelo ataque. É essa vocação que entusiasma.


Cultura

Quarta-feira

Natal, 30 de maio de 2012

O Jornal de HOJE 17

ALGUMA Arquivo

PRATA DA CASA NOVO LIVRO DO ESCRITOR MANOEL ONOFRE JR. SERÁ LANÇADO NESTA QUINTA-FEIRA, DIA 30, NA ACADEMIA NORTE-RIO - GRANDENSE DE LETRAS DANIELA PACHECO EDITORA DE CULTURA

“Há bastante tempo que venho me dedicando ao estudo das obras de escritores do Rio Grande do Norte. O primeiro livro que publiquei sobre este assunto foi no ano de 1973, intitulado de “Estudos Norteriograndeses” no qual ganhei o Prêmio Câmara Cascudo dois anos depois. Agora, estou lançando uma obra onde listo os dez títulos mais importantes nos domínios da Literatura, da História e da Etnografia potiguar”, declara o acadêmico. O escritor Manoel Onofre Jr., reconhecido por produções cuidadosas, contundentes e de alto nível literário lança nesta quintafeira, dia 30, às 18h, na Academia Norte-rio-grandense de Letras o livro “Alguma prata da casa” onde reúne alguns ensaios de diferentes aspectos. Ciente de seu papel enquanto escritor, ele explica que, “neste livro fiz um balanço sobre a prosa de ficção do Rio Grande do Norte que somente a partir da segunda metade do século XX vem sendo publicados com mais frequência. Um ensaio que é uma bibliografia comentada dos mais importantes livros de memórias do estado. Outro sobre a crônica, não somente sobre a

jornalística, mas, sobre as literárias também, onde apontei alguns dos melhores autores”. “Alguma prata da casa” aborda ainda um ponto importante e polemico da obra de Câmara Cascudo, como explica o Manoel Onofre Jr. “As pessoas geralmente reconhece Cascudo como folclorista e escritor. Mas, alguns estudiosos questionam o seu valor como historiador. E, neste livro eu contesto isso. Embora reconheça que ele como historiador nacional não era muito expressivo. Neste livro eu comento cada um dos livros dele como historiador. E, para mim acredito que Câmara Cascudo como historiador regional foi o melhor”. Além de ser um registro e porque não um guia da literatura potiguar “Alguma prata da casa” ainda traz duas saudações acadêmicas de boas vindas que o autor fez na Academia Norte-rio-grandense de Letras para os escritores Paulo de Tarso Correia de Melo e Pedro Vicente. “E, para fechar o livro fiz um pequeno ensaio sobre um tema que é constante na obra dos poetas potiguares, onde inclusive oito dos melhores se dedicaram a retratar o galo da torre da igreja Santo Antônio que na administração de Djalma Maranhão ficou sendo considerado o sím-

bolo da capital potiguar”. Uma das características de suas obras é o cuidado em relação a sua produção. Onde ao ler é nítida a sensação de cada palavra ali escrita foi pensada e repensada. E, principalmente apurada. Que não é apenas escrever e lançar mais um livro em uma noite de autógrafos. Autor de vários livros, Manoel Onofre Jr destaca que “nunca se publicou tanto no Estado, mas acredita que os autores deveriam se preocupar mais com o fazer literário que inclui um trabalho sério e eficiente de incentivo ao próprio ato da leitura. Existem escritores sem nenhuma qualidade e têm livrarias que não impõe critério nenhum e colocam em suas prateleiras obras medíocres ao lado das boas e termina por provocar que os leitores julguem a produção potiguar a partir daquele autor medíocre". Como também, acredita que o bom autor potiguar é vitima de uma grande injustiça. O que prova essa afirmação é o fato do próprio tratamento que é dado aos escritores nacionais que muitas vezes são tratados como celebridades enquanto os daqui são subestimados. “Acho que essa realidade existe desde o período colonial onde se acreditava que o que vinha de fora, da

corte, era melhor. Agora, a corte é o eixo Rio – São Paulo. Penso que a gente ainda não superou esse provincianismo”, declara. Manoel Onofre Jr. contou com exclusividade para O JORNAL DE HOJE que seu próximo livro será a 2° edição do livro “Portão de Embarque – Portugal” pela editora Sarau das Letras onde contará com mais dez capítulos. O AUTOR Manoel Onofre Júnior nasceu em Santana do Matos, interior do Rio Grande do Norte, no dia 20 de julho de 1943. Formado em Ciências Jurídicas e Sociais pela Faculdade de Direito de Natal, em 1967. Foi professor de História, repórter e assessor jurídico. Ingressou na magistratura em 1970. Em 1989 foi promovido ao cargo de desembargador do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte. É autor de Chão dos Simples, Ficcionistas do Rio Grande do Norte, Guia da Cidade do Natal, O Chamado das Letras, A Palavra e o Tempo, Espírito de Clã, Portão de Embarque - Portugal, dentre outros. Manoel Onofre Júnior é membro do Instituto Histórico e Geográfico do Rio Grande do Norte e da Academia Norte-riograndense de Letras.

Cultura HOJE com Dani Pacheco

DANIELA PACHECO - danipacheco@hotmail.com PROGRAME-SE Para a 11ª edição do Arraiá Pra lá de Dez! que este ano acontecerá no dia 15 de junhp, a partir das 21h, no Condomínio Jardins Amsterdã – Cajupiranga, em Nova Parnamirim, ao som de Waldonys e banda, Tiago e Santa Fé e DJ Dilvan.

BEATLESFEST 2 Realizado pela primeira vez em 2010, o BeatlesFest é um festival de música que abre as portas para novos e antigos talentos potiguares, artistas de todos os estilos interpretando Beatles. Uma oportunidade ímpar para apresentar seu projeto, ganhar prêmios em dinheiro e ainda fazer parte de uma coletânea promocional (CD), gravada e produzida pelo FeedBack Musical. A primeira e segunda etapa aconteceram no Hell's Pub entre os dias 09 e 26 de maio. 24 bandas se inscreveram e 4 chegaram a final - Banda Café, Funkaholic, Jack Black e Moby Dick. E, a final acontecerá no sábado dia 02 de junho, no Vila Hall.

PROCURAM-SE TALENTOS Tradicionalmente, todas as lojas Fnac no mundo realizam diariamente dezenas de eventos culturais, como bate-papos, exposições e shows. Agora, a Fnac está selecionando jovens talentos da área musical, de qualquer gênero, para se apresentarem em suas lojas no Brasil. O programa Novos Talentos Fnac 2012 é uma ótima oportunidade para aumentar a visibilidade dos que pretendem seguir a carreira na música, apresentando-se ao mercado e ao grande público. Os interessados devem primeiro fazer uma inscrição, gratuitamente, através do e-mail facebook@fnac.com.br, informando nome completo, endereço, telefone e email, incluindo uma apresentação do seu trabalho em vídeo ou áudio. As músicas devem ser totalmente originais e inéditas. Na inscrição, o candidato deve dizer em qual loja Fnac gostaria de se apresentar. E, POR FALAR... A Fnac é a maior varejista mundial de produtos de cultura e informação. Fundada há 58 anos na França e presente há 13 anos no Brasil. Em todas as lojas, há espaços dedicados a exposições fotográficas e eventos culturais gratuitos. Atualmente, são 11 lojas no Brasil (ainda não tem na capital potiguar). Até o momento, a rede Fnac, tem 159 grandes lojas na França, Suíça, Espanha, Portugal, Itália, Bélgica e Brasil, empregando cerca de 15 mil funcionários. Em 2011, o faturamento da rede foi de 4,16 bilhões de euros. SÓ PARA LEMBRAR... A Fnac faz parte do Grupo PPR, que controla também a Puma, as marcas de luxo do Grupo Gucci (Gucci, Yves Saint Laurent, Sergio Rossi, Boucheron, Bottega Veneta, Bédat & Co., Alexander McQueen, Stella McCartney e Balenciaga) e outra empresa de varejo, a Redcats (rede de lojas e sistemas de vendas por catálogo, dos quais o mais conhecido é La Redoute).

HOMENAGEM Pela primeira fez o grupo Arquivo Vivo será homenageado pelo trabalho que vem desenvolvendo ao longo desses quatro anos de carreira. A homenagem como destaque cultural 2012 vai acontecer no próximo dia 30 de maio, às 18h, na Casa de Cultura Popular no município de Macaíba. O evento terá uma vasta programação começando às 18h com a abertura oficial, às 19h 10 com a apresentação dos poeta populares, Palito da Beija-Flor, Hailton Mangabeira e Chico Pombinha. Na ocasião a orquestra da Associação Cultural dos artistas, Músicos e Interpretes de Macaíba também fará a sua apresentação, entre outros. Encerrando o evento com a participação do Grupo Arquivo Vivo.

HOJE Antonio Pádua e Diego Paixão apresentam o duo Trompete e Cello, às 19h, no Genot Cafés Especiais, na livraria Saraiva, antiga Siciliano, do Shopping Midway Mall. A entrada é gratuita.


18 O Jornal de HOJE

Cultura

Natal, 30 de maio de 2012

Quarta-feira

Canal 1

BATE-REBATE

POR FLÁVIO RICCO - Colaboração: José Carlos Nery /flavioricco@gmail.com.br / http://twitter.com/flavioricco

Minissérie do SBT vai apostar nos contos e magias das Mil e Uma Noites

Divulgação Disney

Encontrar uma lâmpada mágica, em plena São Paulo de hoje e com um gênio, tal qual o das historinhas de antigamente, capaz de realizar os seus mais incríveis sonhos, pode até parecer uma coisa impossível. Mas não para a imaginação do autor Tiago Santiago. É este o ponto de partida da minissérie, “Ela Tem Um Gênio!”, em 50 capítulos, que ele está escrevendo para o SBT apresentar no segundo semestre ou no começo do ano que vem. É a história de uma jovem e, claro, o seu gênio da lâmpada. Com ele, a menina vai “viajar no tempo” e se envolver em várias aventuras no universo das Mil e Uma Noites. A ideia principal é essa mesmo, levar o público a apostar no lúdico e na fantasia. Transportada para esse mundo mágico, a heroína, de repente, se verá em situações com Simbad, o marujo, Ali Babá e os 40 Ladrões, entre outras. Tiago Santiago impôs ao seu texto um ritmo de comédia para que não ocorram problemas quanto a sua classificação e, enquanto isso, o SBT procura uma produtora independente para viabilizar o projeto.

w Hoje, no canal Bandsports, dois amistosos entre seleções, Espanha e Coreia do Sul, Holanda e Eslováquia. wApropósito, a direção do Bandsports vai promover uma festa para celebrar a cobertura dos jogos de Londres. w Será no próximo dia 4, segunda-feira, no All Black, da Oscar Freire, um pub paulistano, com a presença de toda equipe. w Em um encontro na noite de ontem, o SBT fez o lançamento da novela “Carrossel” para todo

o mercado da Baixada Santista. w Campinas, segundo se informa, será a próxima cidade. w A cantora Luiza Possi será a convidada do “Estrelas”, da Angélica, no programa do próximo sábado. w Sem contrato na Globo, Juliana Knust aproveita para atender convites da concorrência. w Na segunda-feira, por exemplo, ela gravou o programa da Hebe Camargo na Rede TV!, que irá ao ar na semana que vem.

C´EST FINI O “Todo Seu”, do Ronnie Von, desta quarta-feira, na TV Gazeta, terá um musical especial, que mistura o erudito com o popular. A orquestra de Renato Misiuk vai tocar ao lado do cantor pop Leo Von, filho do apresentador, que está com um álbum em fase de finalização. A Estrela fechou um acordo de licenciamento de produtos de “Carrossel” com o SBT e Televisa. Dentro de mais alguns dias, será anunciado o lançamento de novas linhas de brinquedos e jogos, todos relativos aos diversos personagens da novela. Ficamos assim. Mas amanhã tem mais. Tchau!

>> TV - TUDO w INDICAÇÃO Alexandre Frota é um nome comentado para ocupar a vaga do Lobão no “A Liga”, da Bandeirantes. Por enquanto, como é de praxe, sem a confirmação de ninguém. w BATENDO CABEÇA Equipe de produção da “Fazenda” viveu momentos de tensão e muito nervosismo, antes da estreia do programa na noite de ontem. Muita correria, estresse, gritaria e trapalhada, o que não dá o direito a ninguém de destratar alguns funcionários. w PILOTO AUTOMÁTICO José Luiz Datena gravou várias edições do “Quem fica em pé?”, na Band, sem contar com o costumeiro apoio do diretor argentino, Pablo Mazover. Naquele momento, ele estava na maternidade acompanhando o nascimento do seu filho. w PONTA DO LÁPIS A Record vai com a Olimpíada até 18 de agosto. Se pretende, logo após o seu encerramento, entrar com o novo programa do Rodrigo Faro, em todo final de tarde, começo de noite. A princípio, fala-se nesta estreia, para 20 de agosto.

w PROCURA-SE Por causa da novela “Cheias de Charme” e de outros projetos ligados ao cinema, Bruno Mazzeo não poderá ser o Chimbinha no filme da banda Calypso. O diretor Caco Souza ainda não encontrou o seu substituto, mas espera fechar o elenco até o dia 17 de junho. Deborah Secco fará Joelma e o roteiro é de Renê Belmonte.

Rodrigo Lombardi, Murilo Rosa e Luciano Szafir emprestaram suas vozes para os personagens do filme “Valente”, da Disney, que chega aos cinemas do país no dia 20 de junho. Na trilha sonora, a cantora Manu Gavassi, com “O Céu Vou Tocar” (Touch the Sky) e “Ao Ar Livre” (Into the Open Air).

w PANO QUENTE Teve mesmo uma discussão do Ceará, Wellington Muniz, com o diretor Alan Rapp, do “Pânico”, nos bastidores da Band, domingo, mas o caso não teve desdobramento. Através da sua assessora, Cristina Moreira, Ceará assegura que ficou naquilo. Não pretende deixar o programa.

w AGORA VAI A Bandeirantes agora confirma para este próximo sábado, das 13 às 14h15, a estreia do jornal “Acontece”, para todas as emissoras da rede. Edição semanal. A apresentação será do Márcio Campos.

w LOTERIA Nem o SBT, nos seus áureos tempos, chegou a tanto. As mudanças na programação da Record continuam a todo instante e a toda hora. Na segunda-feira, o “Chris” foi espichado até as 20 horas, na entrada de “Rebelde”. O “Jornal da Record” só começou às 20h50. A audiência, muito ruim, continua na mesma.

CINEMA

DUBLAGEM

w CABRINI - 1 “O outro lado da passarela” é o tema do “Conexão Repórter” desta quinta, com apresentação de Roberto Cabrini, no SBT. Em uma investigação jornalística que durou cinco meses, o programa revela os bastidores do mundo das candidatas a mo-

delo, o lado pouco glamouroso da desejada profissão de tantas jovens brasileiras. w CABRINI – 2 A reportagem mostra as armadilhas perigosas no caminho de candidatas que querem alcançar a fama e o reconhecimento. As pressões desumanas, o tráfico de influência, drogas e propostas indecentes como a de se prostituir em troca de um suposto lugar ao sol. Com o conhecimento do Ministério Público, uma jornalista do programa se infiltrou nesse meio de agências, empresários e intermediários.

HORÓSCOPO

PLANO DE FUGA - (16 Anos) MOVIECOM1 – Hora:17:05 / 21:25 CINEMARK 4 - Hora: 12:50 / 17:30 PARAÍSOS ARTIFICIAIS - (16 Anos) MOVIECOM 1 - Hora:14:55 / 19:15 CINEMARK 3 - Hora: 00:00 (Sáb) OS VINGADORES - (12 Anos) MOVIECOM 2 - Hora:17:20 MOVIECOM 5 - Hora:15:30 / 18:20 / 21:10 CINEMARK 3 - Hora: 12:20 / 15:20 / 18:20 / 21:10 CINEMARK 7 - Hora:21:50 CINEMARK 7 - Hora: 19:00 / 13:00 U; Hora: 16:00 BATTLESHIP-A BATALHA DOS MARES - (10 Anos) MOVIECOM 2 - Hora:14:35 / 20:10 CINEMARK 5 - Hora: 11:30 / 14:30 / 20:30; Hora: 23:20 (Sáb) PIRATAS PIRADOS - (Livre) MOVIECOM 3 - Hora:15:35 / 17:30 CINEMARK 2 - Hora:11:50 / 14:05 O CORVO - (14 Anos) MOVIECOM 3 - Hora:19:25 / 21:45 CINEMARK 4 - Hora: 15:00 / 19:40

/ 22:15 HOMENS DE PRETO 3 - (10 Anos) MOVIECOM 4 - Hora:14:30 / 16:50 / 19:10 / 21:30 MOVIECOM 6 - Hora:15:00 / 17:20 / 19:40 / 22:00 MOVIECOM 7 - Hora:14:00 / 16:20 / 18:40 / 21:00 CINEMARK 1 - Hora: 12:10 / 14:40 / 17:10 / 19:30 / 22:00 CINEMARK 2 - Hora: 16:20 / 18:50 / 21:20; Hora: 23:40 (Sáb) CINEMARK 6 - Hora: 13:10 / 15:40 / 18:10 / 20:40; Hora: 23:10 (Sáb) FAÇA-ME FELIZ - (16 Anos) CINEMARK 5 - Hora:17:20 (Ter e Qui) ROYAL OPERA HOUSE: MACBETH DIG - (14 Anos) CINEMARK 7 - Hora: 14:00 (Sáb); Hora: 19:00 (Ter) OBS: A aprogramação pode ser alterada sem prévio aviso. Favor consultar o cinema para confirmar o filme do dia. Divulgação

Cena do filme ‘Piratas Pirados’

Áries 21/03 a 20/04 Se todos estão bombardeados por raios arrevesados, e você não escapa dessa condição geral. Para neutralizar um pouco essa tendência, adie negociações com sócios, parceiros, clientes. E nada de discutir a relação com seu amor...

Câncer 21/06 a 21/07 Use todo seu arsenal de conhecimentos sobre como relaxar e manter a autoconfiança. A Lua transita Libra, mexendo com suas emoções. Surpresas relacionadas a profissão o empurram para fora da zona de conforto.

Libra 23/09 a 22/10 Lua em seu signo hoje marca dia em que vale a pena se cuidar mais, no campo emocional, físico, psíquico. Assuntos de trabalho ou que tenham relação com sua reputação estão fora de controle. Confrontos inevitáveis com o meio.

Capricórnio 22/12 a 21/01 Clima astral demasiado tenso pra você. O inesperado está rondando o setor familiar e você tem de se mostrar conciliador, mas sem pressionar os outros. Problemas com equipamentos elétricos. Novidades boas no campo financeiro.

Touro 21/04 a 20/05 Saúde e bem-estar em dia de destaque - pequenas surpresas do cotidiano podem tirar seu humor e deixa-lo apreensivo. Trabalhos não terminados precisam ser completados com urgência, também. No amor, libere e confie mais.

Leão 22/07 a 22/08 Hesitações de pessoas próximas atrapalham seus planos hoje. Quanto mais liberado estiver de compromissos, ou menos ficar na dependência dos outros, melhor pra você. Depois você tem o caminho livre pra armar planos em conjunto.

Escorpião 23/10 a 21/11 Desengonçados os astros hoje, tente se proteger sendo discreto, humilde e solidário. Some esforços, seja flexível e cuide da saúde com especial boa vontade. Nem todas as noticias que receber serão tão impactantes quanto parecem.

Aquário 21/01 a 19/02 Nativos deste signo abrem o dia contando com forte imaginação e poucos recursos. As pessoas também estão um tanto imprevisíveis, embora você saiba inventar saídas para cada momento destes. Caos e invenção andam juntos.

Gêmeos 21/05 a 20/06 Mercúrio e Vênus em seu signo aumentam seu poder de socializar e de resgatar amizades perdidas ou esquecidas por aí. Gente do passado que ainda evoca algo. Expressão e comunicação requerem prudência e discriminação.

Virgem 23/08 a 22/09 Alerta vermelho na zona financeira. Tanto internacional, quanto pessoal: trinca de astros em momentânea refrega cósmica desafiam previsões de financistas. Desdobramentos inesperados a vista. Alguns deles impactam seus rendimentos.

Sagitário 21/11 a 21/12 Altos e baixos num dia em que o melhor é somar liberdade com generosidade ao lidar com todo tipo de gente. Pequenos passeios ou viagens curtas serão estressantes, se puder adie uns dias. Problemas de entendimento com o parceiro.

Peixes 20/02 a 20/03 Embora o cenário astral não esteja atingindo você diretamente, os efeitos arrevesados se refletem indiretamente em seu cotidiano. Alguém atrasa, outro não paga, uma resposta não chega. Preserve suas reservas financeiras.


Cidade

Quarta-feira

Natal, 30 de maio de 2012

CMN aprova Plano de Cargos para os guardas legislativos PROJETO FOI ELABORADO EM PARCERIA TAMBÉM COM PROCURADORIA E FUNPEC A Câmara Municipal de Natal aprovou por unanimidade, na sessão ordinária desta terça-feira (29), o Projeto de Lei nº 52/2012, que institui o Plano de Cargos, Carreiras e Remuneração dos Guardas Legislativos Municipais da casa legislativa. A matéria segue para sanção do Executivo. O projeto de autoria da mesa diretora da CMN foi elaborado em parceria com a Procuradoria e dos guardas legislativos, além da Fundação Norte-rio-grandense de Pesquisa e Cultura (Funpec/UFRN). O presidente da Câmara, vereador Edivan Martins (PV), foi à tribuna defender a proposta. “Esse é um projeto vitorioso. É um sonho e uma conquista importante dos servidores que protegem a integridade física dos que aqui estão e zelam por essa casa”, disse. E complementou: “A guarda municipal tem suas particularidades e por isso tem que ter seu plano de cargos e carreiras diferenciado”, finalizou. O Projeto de Lei nº 52/2012 foi apoiado pelos vereadores Sargento Regina (PDT), Professor Luís Carlos (PMDB), Raniere Barbosa (PMN), Júlia Arruda (PSB), Fernando Lucena (PT), Aquino Neto (PT), Ney Lopes Jr (DEM) e Júlio Protásio (PSB). “Essa é uma matéria importante e justa. A regularização da situação da situação dos guardas deve ser acompanhada por cursos que

Elpídio Júnior/Divulgação

Presidente da Câmara, Edivan Martins, ressaltou que o projeto é conquista importante dos guardas que protegem a Casa visem a capacitação e também o preenchimento do quadro por concurso”, declarou Júlia Arruda. O PCCR dos guardas legislativos da CMN prevê o enquadramento dos atuais servidores, a implantação do critério de promo-

ção por qualificação profissional, merecimento e tempo de serviço; e também uma nova tabela dos valores de remuneração. A sessão desta terça-feira ainda aprovou em primeira discussão, e em regime de urgência, o Projeto

de Lei Complementar nº 03/2012, do Executivo, que dispõe da gratificação dos servidores da Controladoria Geral Municipal, que desempenham atividade de controle interno. A matéria será apreciada em segunda discussão. Divulgação

> HOMENAGEM

Jornalista Arlindo Freire recebe título de “Cidadão Natalense” A Câmara Municipal de Natal realizou na noite desta terça-feira (29), sessão solene para a entrega do titulo de cidadão natalense ao jornalista Arlindo Freire, fundador do Sindicato dos Jornalistas do Rio Grande do Norte. A solenidade foi uma proposição do presidente da Casa, vereador Edivan Martins (PV) e subscrita pelo vereador George Câmara (PCdoB). Arlindo Freire nasceu na cidade de Pendências e chegou a Natal aos nove anos de idade, onde construiu sua vida profissional no setor da comunicação social. “Como formador de opinião me sinto orgulhoso por esse reconhecimento. Fundamos o Sindicato dos Jornalistas durante a Ditadura Militar, no ano de 1979, período difícil para a História da democracia do país, mas isso não foi obstáculo, e conseguimos formar um órgão representativo da nossa classe”, disse Freire. O jornalista mora na capital potiguar há 70 anos e foi correspondente do jornal Estado de São Paulo durante 12 anos. Além disso, trabalhou em diversos veículos de comunicação da capital. Arlindo Freire deixou sucessores na comunicação, os seus sobrinhos Ivo Freire, Aldemar Freire, Juliano Freire e Freire Neto trilham no caminho do jornalismo da capital. Para Edivan Martins, o jornalista Arlindo Freire tem serviço prestado ao jornalismo natalense, uma vez que foi militante das lutas sindicais e sociais. “Arlindo foi o

primeiro presidente do Sindjorn, militou nas emissoras de rádio, e nas diversas redações de Natal. Arlindo Freire é um cidadão que a Câmara homenageia de forma justa. Ele tem compromisso com a verdade e com a ética”, destacou o presidente da CMN. Durante o seu discurso, Edivan Martins, narrou à história de Arlindo Freire; a infância em Pendências; adolescência em Natal e o seu caminho pelo jornalismo. “O jornalista Arlindo Freire acompanhou o crescimento da nossa cidade, desde as correntes fincadas nas Quintas e na Avenida 15 até conurbação com os municípios vizinhos”, finalizou Edivan Martins. O vereador George Câmara também prestou a sua homenagem ao jornalista. “É honra poder compartilhar a proposição desse título de cidadão natalense a Arlindo Freire. Jornalista que teve um papel importante na batalha pela democracia”, ressaltou o vereador. Estiveram presentes a solenidade, o representante da prefeita Micarla de Sousa, secretário de Comunicação Gerson de Castro, Getúlio Neto, presidente da Fundac, que representou a governadora Rosalba Ciarlini, Jan Varela, diretor do Sindjorn, Célia Freire, ex-presidente do Sindicato dos Jornalistas do RN, Maria de Fátima Ximenes, vice-reitora da UFRN e Jurandir Navarro, presidente do Instituto Histórico e Geográfico do RN.

Arlindo, natural de Pendências, mora em Natal há 70 anos e fundou o Sindjorn

O Jornal de HOJE 19


20 O Jornal de HOJE

Cidade

Natal, 30 de maio de 2012

Quarta-feira

Érika Nesi erikamnesi@hotmail.com

NAIR DE ANDRADE MESQUITA ícone em amor terno de esposa e mãe. Amante das flores, jasmineiros, roseiras, dálias, sorrisos de Maria que eram cultivadas com muito zelo e carinho no espaçoso jardim da velha casa dos seus pais, onde morava com a família. Hoje data de seu aniversário de nascimento, se estivesse viva estaria completando 111 anos. Depoimento de sua filha Nídia Mesquita: "Buscando as mais gratas lembranças da minha infância e adolescência em Macaíba, reencontro nas imagens que o tempo não apaga a lembrança terna e amorosa de minha mãe Nair de Andrade Mesquita, calma, serena, não dizia mas creio que era leitora romântica dos romances de M. Delly e Elynor Glyn onde os amores de reis, rainhas, duques e duquesas eram o tema central. Amante das flores, jasmineiros, roseiras, dálias, sorrisos de Maria eram cultivadas com muito zelo e carinho no espaçoso jardim da velha casa dos meus avôs paternos onde morávamos.Nair, filha de Sophia Arlinda Curcio de Andrade e Dario Jordão de Andrade, era neto de Paolo Luigi Curcio, italiano que aportou em Macaíba, casado com Mariazinha Ribeiro Dantas, com quem teve doze filhos, uma delas Sophia, mãe de Nair e minha avó querida.Nair era alta, bonita, calma e serena. De porte elegante, muito simples, adorava perfumes e tinha os traços das matriarcas do país de origem do seu avô materno. Minha mãe nasceu em Macaíba, viveu 103 anos, foram anos de gestos, atos e ações que muito nos orgulha pela bondade, retidão de caráter, a calma nos momentos difíceis, o amor terno de esposa e mãe que nunca nos faltou.Hoje relembrando sua trajetória de vida, sinto que viver é testemunhar três vezes no silêncio, na flama e na imobilidade. Fez o melhor de que foi capaz e continuou fazendo assim até o fim.Já funcionária dos Correios em Macaíba, ela conheceu meu pai Alfredo Mesquita Filho. Foi amor para a vida toda. A família do meu pai não aprovava o namoro e por treze anos, trocaram cartõezinhos com declarações de amor, alguns dos quais, ainda guardo com carinho. Foi um sentimento verdadeiro que venceu o tempo. Para alcançar as grandes coisas, devemos tanto atuar, como sonhar, tanto planejar, como crer.Assim eles fizeram.Casaram alguns anos após o falecimento do meu avô paterno. Eu admirava a conduta dos dois, meu pai nunca interferiu no trabalho que ela exercia como tesoureira dos Correios. Naquele tempo devia ser inconcebível no nordeste do Brasil uma mulher funcionária pública. Ela era espírita Kardecista, ele católico. Toda quarta-feira ela ia às reuniões espíritas na casa do primo Olimpio Jorge Maciel e Ellem Maciel. Ele frequentava a igreja de Nossa Senhora da Conceição de quem era devoto. Selecionavam as prioridades do dia a dia em perfeita compreensão e harmonia apesar de temperamentos diferentes. Foi sempre atuante e presente em todos os momentos da vida pública que meu pai exerceu, era a apaziguadora nos momentos tensos, nas discórdias naturais na política partidária. Foi deputada estadual pelo Partido Social Democrático função que exerceu com zelo e dignidade. Viviam sempre com o que recebiam, mas, sempre marcaram a vida com tudo aquilo que deram. Depois que meu pai se foi aos 67 anos, ela usava sempre no pescoço um cordão de ouro com a foto do meu pai cravada num medalhão e sempre beijava o medalhão

Ícone Fashion NAIR DE ANDRADE MESQUITA

e dizia: "Amei e fui amada". E eu dizia "por isso viveu tanto". Faleceu com 103 anos de idade. Quando fui levá-la ao hospital, na maca ela segurou minha mão e disse: "Minha filha, eu não vou morrer não, não é?". Respondi: "Claro que não mamãe". Faleceu no dia 08 de abril de 2004. Nasceu no dia 30 de maio de 1901. Meu pai nasceu no dia 23 de maio de 1901. Faleceu no dia 12 de abril de 1969. Coincidência? "Há mais coisas entre o céu e a terra, Horácio, do que sonha a sua vã filosofia". (Shakespeare - Hamlet.). ***** LEMBRANÇA QUE O TEMPO NÃO DESFEZ: Valério Mesquita: "Não há melhor maneira de visualizar a eternidade que de uma janelinha aberta sobre a imensidão dos campos. Mas, pra mim bastaria o simples repouso contemplativo sobre o jardim ou as árvores do quintal de nossa antiga casa em Macaíba. Elas têm a força do resgate das estações. Quantos fatos idos e vividos não presenciaram? Quantos olhares perdidos no tempo não posso recolher do velho jardim, impregnados nas folhas, nas rosas, nas pétalas dos "dedais de ouro" ou no jasmim debruçado há mais de cinquenta anos sobre o muro da calçada, cansado de dá boa noite? A estátua da Deusa Minerva, de louça portuguesa, chantada no centro do jardim e chegada com a casa há mais de cem anos passados, ainda guarda ciumenta e sobranceira a beleza e o perfume das rosas. A maior e a mais antiga das rosas não está mais no jardim. Ela o fez. Dona Nair, do alto da sua longevidade, não o cultivando mais, associou-o a sua vida através do doce mistério da contemplação das manhãs de ressurreição. Câmara Cascudo imerso nas brumas dos oitenta anos dizia que "era uma saudade em vida agarrada ao sonho de continuar a viver". Não há força mais dramática na passagem do ser humano pela vida do que a do senso trágico da sua própria brevidade. Partilhou com a minha mãe todas as emoções de sua velhice. Os seus repentes, as suas fragilidades e, acima de tudo, o patrimônio não descartável de suas lembranças. "Meu filho, a velhice é um fracasso", queixava-se sob o peso de suas deficiências. Ao me ver cercado de amigos, conversando política, arriscava um prognóstico incontestável: "O Partido Social Democrático (PSD) nunca perdeu uma eleição. Eu e Mesquita demos aqui em Macaíba brilhantes vitórias. E como está esse ano?". Era a heroína política anônima, ainda crédula na grandeza do último milagre do velho PSD de 1947, revivendo e reinventando as emoções limpas e as ilusões que um dia viajaram com ela. A vida nunca é longa demais. Dou-me conta de que os mortos vivem mais em nós do que os vivos. É essa a impressão que me ficou. No dia passado quando revisitei a casa que fora dos meus pais em Macaíba, o jardim pareceu-me rejuvenescido. As roseiras infundiam um viço turbador como se quisessem me convencer que a sua antiga pastora estava ali. O

velho "dedal de ouro" explodia o seu amarelo vivo. As "espirradeiras" floriam festivamente acompanhadas das "onze horas", do "boa noite". O jasmineiro, ao portão, recordava as idas e as vindas de dona Nair e se ofereciam em buquê como dantes. O jardim, afinal, permanecia o mesmo numa suave e terna liturgia de saudade. Dentro da casa, os objetos inanimados confundiam-me. Passavam-me a impressão desesperada de que ali ainda morava a vida, com vozes, cuidados, espanadores, vassouras. O óleo de peroba ainda não enxugara de todo. Tudo estava em seu lugar. Nada havia sido mexido. A cadeira de dona Nair, a mesa grande da copa, os sofás das conversas políticas, o alpendre - passarela dos notáveis e mendigos - tudo era ressurreição de ambiente. Os quartos, as salas, a cozinha, nada se modificara nem depois do velho Mesquita nem depois de dona Nair. Dali, fui rever a minha antiga biblioteca. Revirei livros e adicionei alguns. Detiveme nos quadros, passagens da vida, momentos felizes, tudo tão fugaz, mas sempre verdadeiro. Lágrimas furtivas regaram alguns instantes pontuais de profundidade vital. Certa vez, fazia com a minha irmã Nídia um "levantamento" dos bens materiais deixados pelos nossos pais, após longa atividade política. Não tivemos nenhum trabalho. Todo espólio se resumiu na velha residência da Rua Francisco da Cruz nº 39, centro, herdado do nosso avô. Tal declaração, em vez de nos envergonhar, muito nos orgulha. Chegamos à conclusão cômica, mas cômoda, para não dizer trágica: a família Mesquita em Macaíba não detém nenhuma referência de bens imobiliários. Restou apenas, como imóvel, o túmulo no cemitério. Mas, a nós, filhos de Alfredo Mesquita Filho e Nair de Andrade Mesquita, basta-

nos o legado de honradez, de amor telúrico e de honestidade com que abraçaram a vida pública. Acompanhado dos meus filhos Isabelle e Rodolfo, para a visita protocolar do dia de finados, retornei ao fio da meada das minhas relembranças. Os dois não chegaram a conhecer o avô. Apenas, a avó. Após caminharem comigo pelos compartimentos da casa, fomos fazer a visita ao túmulo. Procuro transmitir aos filhos a memória dos antepassados. Sim, os nossos mortos não são estrangeiros. Não se extinguem pela ausência física. Eles vivem em nós porque o passado não morre como querem alguns. Saí de Macaíba em paz comigo mesmo. Contemplei os filhos e refleti que eles são frutos do tempo. Afinal, o tempo é obra de Deus." ***** RELEMBRANDO A MINHA AVÓ - Marilia Mesquita : "Lembro-me das minhas visitas à minha avó Nair Mesquita quando eu ia semanalmente para Fazenda Arvorêdo.O jardim de sua casa antiga é um elo do passado ao presente, ampliando a bondade e a simplicidade de sua alma. Eu colhia flores de jasmim tão perfumadas e as colocava no seu vestido, ao brilho do sol que vinha do jardim aos terraços. Ela me contava estórias de amor e saudades: "Amei e fui amada" dizia com um sorriso de menina, tendo ao redor do pescoço o medalhão de ouro que ela segurava com a foto do único e eterno homem de sua vida: Alfredo Mesquita. Eu tinha apenas 6 anos quando perdi o meu avô, sua lembrança se perde na minha mente, levada pelas brumas do tempo. Mas, para falar de minha avó, é necessário lembrar do meu avô. As lembranças do meu avô são transmitidas por ela, tão conscien-

tes e cheias de emoções, que me fazem voltar a esse tempo passado e reencontrar o meu avô em um momento devolvido. Sua presença me dá a ilusão de que tudo pode voltar. A felicidade consiste em ter algo a fazer, alguém para amar e esperar alguma coisa. Estas memórias de amor e respeito são momentos que ficam para a eternidade. A sua vida longa é a prova de que o eterno amor existe e se edifica com o tempo. Antigamente, a união eterna e a fidelidade eram fáceis. "Não há mal que sempre dure e não há bem que não se acabe", ressalta a minha avó com as mãos gesticulando. As lições de amor e vida de minha avó estão guardadas para sempre e repletas de ternura. Ela sabia o que era certo. Uma mulher de fé em Deus, e conservadora até pela descendência por parte de seu avô Paolo Curcio que era italiano, tendo a virtude de um temperamento íntegro e de convicções. "O mundo em que as pessoas se separam por classes já deu muita desgraça, maior porém é o desse em que a sociedade separa-se por idades." Disse Carlos Lacerda. Ela foi capaz de corrigir certos estragos que a vida fez sempre sem competir. O sentir do amor perdido e outras ausências. Onde se pode encontrar e ter abrigo, poupar tempo e sofrimento, é precisamente na convivência dos que já amaram, já sofreram, já conheceram. Não é isto a vida? Todos buscam a experiência de ter vivido... São os que dão alegria sem levar tristeza aos outros, inadmissíveis, os que violam as regras da convivência. A alegria do amor permanente, hoje ela depende da lembrança de uma época em que o tempo podia ser jogado fora com a passagem silente das horas, o som das suaves noites de chuva, o canto lírico dos pássaros e das cigarras, o avanço do sol no chão da varanda, o balanço morno da rede, o cheiro das mangas e do café na mesa... tudo pode ter havido e ter sido vivido no tempo dos meus avós. "Quando olhares tua imagem evoca tua sombra de criança. Quem sabe do passado, sabe do futuro" (Ramón Del Valle). Se eu pudesse voltar a esse tempo, somente por um minuto, para sentir as emoções e alegrias de meus avós e resgatar estas memórias ricas e dispersas, longe deste mundo atual, onde o senso, a sensibilidade e a inocência fazem parte do passado. Esse tempo passado que faz parte dele a coleção de sonhos de Nair Mesquita. Ela se manteve forte durante um século. Nestas comemorações os dois elos: presente e passado se encontram em um só momento para celebrar o que realmente é a vida: O eterno amor. Obrigada vovó Nair pelas suas lições de vida, amor e bondade. Que Deus a proteja sempre." ***** EXEMPLO DE CANDURA E PAZ - Odiléia Mércia da Costa: "Diante de mim, o calendário de Maio. Mês de Maria, das mães, das flores, das noivas... e, significativamente, do aniversário da minha querida sogra.Imperceptíveis, as emoções fluem... e pintam com as lembranças do passa-

do, o portrait de Dona Nair de Andrade Mesquita. A mãe extremada; a esposa terna e compreensiva; a amiga fraterna e leal; a comadre irmã; a política solidária e humana; a dona de casa prendada; a sogra maternal e conselheira; a avó amorosa e cuidadosa da minha filha Isabelle. Conduzia na sua, a vida de todos. Ah... Dona Nair... com seus perfumes e talcos; chás de erva doce e remédios em rotina noturna; soltando no riso a alegria de ouvir elogios sobre o filho Valério. Repetindo frases de efeito moral, para estimular o doente; repreender o adversário desrespeitoso. Na beleza do seu porte altivo, elegância no vestir e nos gestos, irradiava, como as dálias, jasmins e la frances do seu jardim, a soberania de uma mulher de paz... em paz. Partilhando da sua vida por 25 anos (desde os meus 17), aprendi lições de amor, coragem, espiritualidade, abnegação, perdão e gratidão. Dividimos a responsabilidade e cuidados para criar e educar Isabelle. Choramos a dor por igual, na perda dos meus quatro filhos. Enfrentamos juntas as adversidades da política. Encaramos com conformação os descaminhos traçados pelo destino. Na grande sala alpendrada, preferida para o repouso da tarde e a conversa dos visitantes da noite, criava tonalidades perfeitas de cores para o tempo. Não o do relógio ou dos anos... Mas, o tempo sublimado da própria história. Comungando das bênçãos e alegrias pelos cem anos de vida de Dona Nair, constato também, que no meu coração ficou pintado o seu mais fiel retrato: A BONDADE". ***** DONA NAIR MESQUITA, MEU DEPOIMENTO - Anderson Tavares - "Viúva do líder político Alfredo Mesquita Filho, ex-prefeito, ex-deputado estadual, dona Nair foi funcionária dos Correios e ex-deputada estadual. Filha de Dario Jordão de Andrade e Sofia Curcio de Andrade, sendo a segunda mais velha de uma família de seis irmãos cujo sobrevivente com ela foi o juiz de Direito doutor Dario Jordão de Andrade que faleceu perto dos cem anos, em Natal. Do casamento com Alfredo Mesquita em 1933, nasceram dois filhos: Nídia Mesquita, agropecuarista, residente em Natal e Valério Alfredo Mesquita, ex-prefeito de Macaíba, deputado estadual quatro vezes e, atualmente, Conselheiro presidente do Tribunal de Contas do Rio Grande do Norte. Teve seis netos e três bisnetos. A sua religião era espírita mas converteu-se ao catolicismo graças ao padre Júlio César, então vigário de Macaíba. Toda a sua vida foi dedicada a auxiliar o seu esposo na vida política, assistindo a população carente da cidade. Distinguiu-se na vida política como uma pessoa pacificadora, conciliando muitas lutas partidárias quando havia exarcerbamento de ânimos. Por isso nunca cultivou inimizades pessoais quando atravessou batalhas políticas ao longo de quarenta anos de atividade partidária. Seu único partido foi o PSD, o qual ainda sempre brinda à mesa e responde: "marca registrada". A última vez que votou foi com o seu filho para deputado estadual em 1998, aos noventa e oito anos, portanto. A vista tênue e o corpo frágil, não permitiam mais que se locomovesse. Faleceu em Natal no dia 08 de abril, de 2004, assistida pelos seus filhos e netos. O seu sepultamento em Macaíba, no túmulo do seu esposo, foi um dos mais concorridos da nossa cidade."


Flip 30/05/2012