Page 1

Sexta-feira

Ano XV w NATAL-RN,

26 DE OUTUBRO DE 2012 w Nº 4.476

R$1,00

w jornaldehoje.com.br

> AZEDA RELAÇÃO ENTRE OS PODERES NO RN

Supremo manda Rosalba liberar os recursos do TJ e Judite Nunes repele insinuações contra Poder Judiciário DESEMBARGADORA PRESIDENTE DO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DIZ QUE NÃO ACEITA TENTATIVA DE AUXILIARES DO GOVERNO DE CULPAR O JUDICIÁRIO PELAS “MAZELAS” DO PODER EXECUTIVO

Jo

Ald

en

ir

Judite afirma que na sua gestão TJRN já economizou 46 milhões POLÍTICA 5

> FESTA NA GOVERNADORIA

> REVIRAVOLTA NA CÂMARA

Heracles Dantas

Edivan afirma que “querer politizar decisão do Tribunal Regional Eleitoral é um erro” POLÍTICA 3

> PROCESSO EMPERRADO

Justiça suspende a licitação dos transportes públicos por suspeita de irregularidades CIDADE 6

> 15 ANOS DE INFORMAÇÃO

Líderes parabenizam o JH e ressaltam comprometimento com a livre iniciativa no RN

Crianças e adolescentes de projetos que recebem apoio do Estado subiram a rampa ao lado da governadora, que hoje completa 60 anos

ECONOMIA 7

POLÍTICA 4

Jovens carentes participam do aniversário de Rosalba Cialini Wellington Rocha

> ENERGIA?

> SÉRIE B

Apagão durante quase três horas atingiu todas as cidades do RN

ABC enfrentará líder em mais uma decisão no Frasqueirão

Causa do desligamento das linhas de transmissão, que afetou o NE, Norte e CentroOeste, ainda não foi explicada. CIDADE 9

Alvinegro potiguar fará hoje à noite o primeiro dos três últimos jogos restantes em casa neste campeonato. ESPORTE 15

> ATRAÇÃO NA UFRN

Na Cientec, ABORL reforça importância de cuidar de ouvidos, nariz e garganta CIDADE 6

Com superestruturas infláveis, Associação Brasileira de Otorrinolaringologia traz "Caminhos da Otorrinolaringologia" para Natal. Visitantes aprovam

Túlio Lemos

Marcos A. de Sá

Daniela Freire

Vicente Serejo

Página 3

Página 7

Página 12

Página 13

w PT conseguiu vitória no TRE. É proprietário da estrela, seja ela monocromática ou colorida.

w Ecocil realiza feirão de imóveis novos, direcionado para os servidores públicos.

w Violência na televisão: Hermano Morais garante que é um "cidadão pacato".

w D. Jaime Vieira garante que o Centro de Treinamento de Ponta Negra não está à venda.

ESCREVEM ARTIGOS DA EDIÇÃO DE HOJE Adauto Medeiros Cinthia Moreno Adalberto Targino Stepheson Oliveira Laurence Bittencourt José Narcelio Marques Sousa Lucia A. de Medeiros Chacon OPINIÃO - Página 2 INDICADORES: Dólar comercial R$ 2,02 Dólar turismo Dólar/Real

R$ 2,09 R$ 2,02

Euro x real R$ 2,61 Poupança 0,50%/0,42% Taxa Selic 7,25%

EMAIL REDAÇÃO:

jornalismo@jornaldehoje.com.br

ACESSE O SITE:

www.jornaldehoje.com.br

SIGA-NOS NO TWITTER:

@jornaldehoje

TOTAL DE PÁGINAS NESTA EDIÇÃO

20 CMYK


2 O Jornal de HOJE

Artigo

Opinião

Natal, 26 de outubro de 2012

ADAUTO MEDEIROS, engenheiro civil e empresário (adautomedeiros@bol.com.br)

Amancio

Sexta-feira

Artigo

amancionatal@gmail.com / www.chargistaamancio.blogspot.com

O samba é uma criação brasileira sem agrotóxicos Nosso samba é a música que melhor representa a nossa alma alegre e traduz o sentimentalismo tropical. Somos uma nação alegre é verdade, onde as cores (raças) que se misturam fizeram de nós o povo mais espetacular deste mundo cheio de preconceitos e ideais discutíveis de viver. Nele, o samba, não existe nada de estrangeirismo e com isto não quero dizer que sou contra a música não brasileira, mas não existe nada parecido com ela no mundo. Para fazê-lo, os morros do Rio de Janeiro, talvez por ficar mais perto do céu, inspiraram nossos compositores e eles criaram esta maravilha que é algo típico do estado de espirito do brasileiro. Ele agigantou-se e espalhou-se pelo Brasil unindo a sua alma neste povo "abençoado por Deus" como canta a música do compositor Jorge Benjor. Ora, foram os negros que criaram o samba e

Artigo

depois os brancos maravilhados também subiram os morros para cantar e esquecer um pedaço dos seus problemas se divertindo nas rodas de samba. Hoje, podemos dizer sem medo de erro, que o carnaval é seu filho legítimo e que certamente por isso se transformou na maior festa popular do mundo. É ele que enaltece a escola de samba e guia os passos dos bailarinos que fazem da passeata do samba um lugar sagrado de todos nós. Quem não se encanta com a festa do carnaval, por exemplo, no Rio de Janeiro? Ela saiu das favelas para o mundo e hoje traz turistas do mundo inteiro para ouvi-lo e também lamentar-se por não saber cantar em português. Tenho certeza que até os ecologistas o defende por se tratar de um único "produto" alimentício da alma que não têm agrotóxicos. Viva o samba e sua alma alegre e contagiosa.

JOSÉ NARCELIO MARQUES SOUSA, engenheiro civil (narcelio@supercabo.com.br)

Uma boa entrevista Sou amigo de Felinto Rodrigues há uma penca de anos. Embora só nos cruzemos esporadicamente, é sempre gratificante nosso reencontro. Resolvi escrever estas linhas depois de ouvir sua entrevista com a candidata à vereadora Amanda Gurgel, na quinta-feira dia 4 de setembro, véspera das eleições para a Prefeitura e para a Câmara Municipal de Natal. Diga-se de passagem, um primor de entrevista. Uma entrevista à altura do entrevistador e de sua equipe, bem como do programa que delineou seu espaço na radiofonia do estado. Parabenizo a vereadora pela enxurrada de votos que a elegeu e a dois postulantes à edilidade, integrantes de seu partido. Embora respeite as opiniões manifestadas sobre os assuntos postos em debate naquela ocasião, me atrevo a tecer algumas considerações sobre o tema: rede hoteleira da Via Costeira. Já encetei inúmeras caminhadas pelas praias de Barreira d'Água e do Pinto, partindo de Ponta Negra para a praia de Mãe Luíza, ou vice versa, sem ser incomodado no meu percurso por qualquer segurança de hotel ali instalado. E mais: se eu não quiser nem puder pagar pelas diárias praticadas nas hospedarias da Via Costeira, tenho à disposição uma gama de alternativas a preços camaradas na circunvizinhança. Em circunstância alguma condeno ou invejo quem paga acima de R$ 1.000,00 por uma boa noite de sono naqueles hotéis diferenciados. Vamos e venhamos, Natal é uma cidade turística e deve explorar essa indústria de todas as maneiras honestas possíveis. A fiscalização desse exercício compete ao poder público, eliminando excessos e combatendo abusos. Nem pensar barrar o acesso àqueles nove quilômetros de praias a qualquer operário, professor, cristão, sacristão,

Artigo

proletário, milionário, esmoler, assalariado, esquerdista, direitista ou cientista, pois constitui agressão explícita ao direito do cidadão de utilizar uma área pública. Um ultraje à própria democracia. E pelo que eu saiba o plebiscito realizado em 21 de abril de 1993 consolidou a república presidencialista como a forma de governo brasileiro, repudiando o regime monarquista e o sistema parlamentarista. Agora, se o direito de ir e vir de algum cidadão for tolhido nas praias da Via Costeira, que seja acionada a autoridade legal para averiguar a ocorrência e punir o abuso. Concordo, ainda, que nada mais pertinente e justo para o natalense que a criação de um parque público naquela área. É com os impostos pagos pelas empresas instaladas na Via Costeira que o governo complementa sua receita para pagar despesas com a máquina administrativa e com investimentos. Inclusive folhas de pagamento de funcionários dos poderes do município. Partamos da premissa de que pobreza não é virtude nem riqueza contravenção. Entendamos a riqueza como resultado de trabalho, criatividade, destemor, firme disposição e capacidade de agir com racionalidade, obtendo nesse contexto, emprego, consumo e desenvolvimento. Trata-se, portanto, do esteio do capitalismo moderno praticado no regime democrático. Não sou hoteleiro nem tenho procuração para defender a atividade; tampouco qualquer motivo para acusá-los de ganhar rios de dinheiro. Defendo sim, como cidadão natalense, o melhor para minha cidade. E aí se encaixa uma indústria turística pujante com dezenas de outros hotéis gerando recursos na Via Costeira. Parabéns, Felinto, pela bela entrevista!

LAURENCE BITTENCOURT, jornalista (laurenceleite@bol.com.br)

O estoicismo na poesia de Carlos Drummond É consenso dizer que Carlos Drummond de Andrade foi um cético. Sua poesia e ele. Certamente que há exemplos claros em sua vasta obra que parecem corroborar com esse ponto de vista. No entanto, mais do que um cético, penso eu, Drummond foi, na verdade, um estoico, se tomarmos esta palavra como a de alguém que entendeu o sentido último da vida, qual seja, a de que o humano muda pouco em seu primitivismo primordial e que o final que nos cabe está sempre a nos espreitar e que por isso mesmo a grande sabedoria é se tornar imune ao infortúnio que parece comum a todos. Um dos altos momentos de estoicismo em sua poesia pode ser verificado no seu poema "A procura da poesia" em que Drummond refaz com a maestria própria de quem já refletiu bastante sobre a condição humana: "Não dramatizes, não invoques, não indagues. Não percas tempo em mentir...Teu iate de marfim, teu sapato de diamante, vossas mazurcas e abusões, vossos esqueletos de família desaparecem na curva do tempo, é algo imprestável". Muito mais que um pessimista, Drummond foi um estoico. Um valoroso e derradeiro estoico, essa filosofia que caiu em desuso, se fez pobre e sem valor, em um tempo de "homens partidos", como ele próprio anuncia em outro momento grandioso da sua moderna poesia brasileira: "A hora pressentida esmigalha-se em pó na rua. Os homens pedem carne. Fogo. Sapatos. As leis não bastam. Os lírios não nascem da lei. Meu nome é tumulto, e escreve-se na pedra". A condição de estoico, como se depreende do seu fazer poético, não se mostra inata, e sim, se chega por um

processo de maturação, de alquimia, de sofrimento, num drama interior em que o momento de concluir nunca precede a angústia, e mais ainda, sem a busca sintética de um momento esperado, mas apenas virtual e imaginário. A grande síntese fausto-goethiana em Drummond aparece com força momentosa em seu poema "Nosso tempo", numa luta urdida no interior do ser. A divisão humana cobra seu preço diante de um Fausto quase em delírio a soçobrar dissabores contínuos, "esse é um tempo de divisas, tempo de gente cortada. De mãos viajando sem braços, obscenos gestos avulsos", revelando, portanto, um marcador assimétrico e implacável do tempo, inapelável diante de uma ordem social imposta, em que a única saída é não perder a condição verbal para contar a grande história: "E continuamos. É tempo de muletas. Tempo de mortos faladores e velhas paraliticas, nostálgicas de bailado, mas ainda é tempo de viver e contar". O grão-vizir e sua placidez do fundo de um soterramento que não se dissipa encontra espaço e revela a face que lhe cabe, que lhe coube na grande horda soturna, ambulante, certamente fútil, inútil, das falas pobres, "Escuta a pequena hora noturna de compensação, leituras", contraponto necessário ao inócuo e vazio como prenúncio: "escuta o horrível emprego do dia em todos os países de fala humana, a falsificação das palavras pingando nos jornais, o mundo irreal dos cartórios onde a propriedade é um bolo com flores". Drummond foi um estoico. Derradeiro e firme estoico. Afinal o que nos cabe na esteira rolante da vida. Vale como uma clausula pétrea ainda que discordante para tantos.

LUCIA ALMIRA DE MEDEIROS CHACON, professora da UFRN, aposentada ((lucialmira@supercabo.com.br)

A campanha política

Artigo

ADALBERTO TARGINO, advogado, procurador do estado e presidente da Academia de Letras Jurídicas/RN (ceaf_pge@rn.gov.br)

Corrupção endêmica Os grandes obstáculos e vícios humanos, registrados há milênios, são os mesmos do século contemporâneo ou, mais precisamente, dos dias de hoje. Os crimes bárbaros, a corrupção, a licenciosidade moral, a crise econômica, os entraves e imoralidades da administração pública são iguais ou assemelhados aos imemoriais tempos do Velho Testamento. O assunto, há milhares de anos, sempre girou em torno do perigo da recessão, balança comercial, equilíbrio orçamentário, cobrança de impostos, dívida pública, imperialismo e domínio estrangeiro, parasitagem no serviço público e, ao lado de tudo isso, a corrosiva e institucional corrupção. Vejamos que o tempo e a realidade material da terra mudaram, mas as aflições e verdades humanas continuam inalteradas. Na velha Roma, o inesquecível sábio Marcus Túlius Cícero, no ano 55, antes do nascimento de Jesus Cristo, prescrevia cinco receitas para a solução dos problemas da nação romana: (1) o orçamento deve ser equilibrado; (2) as dívidas públicas devem ser reduzidas; (3) a arrogância das autoridades deve ser moderada e controlada; (4) os pagamentos a governos estrangeiros devem ser reduzidos se a nação não quiser ir à falência; e, (5) as pessoas devem novamente aprender a trabalhar, em vez de viver por conta pública. A verdade política, econômica, so-

Artigo

cial e moral do Brasil atual não é diferente da realidade de 1879, quando no mês de junho, o conceituado e vetusto jornal "Folha de São Paulo" publicava a crônica intitulada "A República" da lavra de Clóvis Bevilaqua, conforme textuais palavras infra: "Quando na solidão do meu Gabinete contemplo o Brasil que agoniza no leito das torturas invectivas e indecorosas que mutuamente se assacam os bandos políticos que, como lobos famintos, disputam entre si as migalhas de um poder degenerado; quando constato o estado de apatia coletiva que mais parece uma saliência do caráter nacional enquanto o povo entorce-se nas garras aduncas da miséria, da ignorância e do vilipêndio , quando vejo a honra e o talento abatidos pela exaltação da mediocridade bem sucedida dos charlatões e pusilânimes da causa pública; e quando descortino o horizonte da impunidade e da desesperança, eu me pergunto: não haverá um único homem que, purificado o trato das instituições, sustenha a pátria que resvala para o abismo, no fundo do qual irá encontrar o seu esfacelamento? Como resposta aterradora, recolho o silêncio e o desânimo". E Jesus quando, tomado de revolta, gritava aos fariseus: "raça de víboras e hipócritas", será que, hoje, não ficaria rouco de tanto admoestar os humanos modernos e civilizados da cibernética globalizada contemporânea? E o velho Rui, a Águia de Haia, será que repetiria o seu inflamado discurso

no Congresso Nacional em que afirmava "a vergonha de ser honesto ante o predomínio dos maus e a massificação dos ímpios". Por último, que argumentos usaria o inesquecível mestre Capistrano de Abreu ao presenciar a crônica doença legiferante do nosso país com Constituição nova em 1967, outra Carta em 1969, mais outra em 1988 e, agora, com emendas e mais emendas a dilacerar a ainda Constituição Cidadã. Será que ele não repetiria: "O Brasil precisa de uma única lei, com apenas dois artigos, sendo o primeiro: que todos brasileiros tenham vergonha na cara e o segundo: revoguem-se as disposições em contrário " Daí se depreender que em qualquer sistema, regime, partido ou época, pouco muda a realidade dos fatos, apenas perduram a esperança eterna do povo e o ideal de alguns poucos dirigentes. O resto é balela ou silogismo bem vendido!... Por tudo isso, é que não entendo o mundo dos radicais de direita ou de esquerda e, menos ainda, dos súditos anarquistas de Bakurin, nem o pessimismo fatalista de Augusto dos Anjos ou o desespero de Álvares de Azeredo "que me importa se o mundo se esboroe e desabe...". Antes, porém, prefiro a dose de ânimo, otimismo, fé e crença do francês André Gide, que na sua elegância européia e pureza à brasileira prelecionava "todas as coisas já foram ditas, mas como ninguém as escuta, é preciso sempre recomeçar...!".

STEPHESON OLIVEIRA, estudante universitário (stepheson@hotmail.com.br)

Policia para quem precisa Se contextualizarmos e analisarmos as últimas operações policiais - Cangueiros, Detran Mossoró; Assepsia, Saúde Natal; Judas, TJRN; Sinal Fechado, Detran RN... Enfim, são inúmeras observaremos uma total omissão e ausência das atividades, constitucionais, a serem exercidas pela Polícia Civil potiguar. Vale salientar que, perante a Constituição, a Polícia Civil tem o dever de investigar e elucidar crimes de qualquer natureza e que ferem a Constituição; a Polícia Militar realiza o trabalho ostensivo, ou seja, mantenedora da ordem em vias públicas. Ao invés do policia civil cumprir com seus deveres, e receber seus honorários por aquilo que lhe é devido, está sendo desviado de suas funções - exercendo muitas vezes a função de carcereiro e/ou agente penitenciário - e deixando de realizar suas atividades constitucionais em prol da ordem social, fazendo com que a sociedade fique à mercê

Artigo

dos infratores. O que era certo hoje é errado, e vice-versa. Quem vive hoje no regime semiaberto são os trabalhadores brasileiros de boa conduta, pois, passam o dia trabalhando e a noite se trancam em suas residências. E os bandidos? Soltos e dispostos a proporcionar toda sorte de males à sociedade. O Ministério Público é que está, deveras, executando investigações e operações de combate à criminalidade. O que não é exatamente a sua finalidade, pois, segundo a ainda Constituição o papel do Ministério Público é ser o responsável, perante o Poder Judiciário, pela defesa da ordem jurídica e dos interesses da sociedade e pela fiel observância da Constituição (das leis). As últimas operações executadas em nosso estado, relevantes e que causaram impactos sociais, foram todas, sem exceção, investigadas e realizadas por iniciativa do Ministério Público. São louváveis os relevantes serviços

prestados pelo MP à sociedade potiguar, entretanto, fica registrada a ineficiência do Poder Executivo Estadual sendo omisso, irrelevante e negligente para com a manutenção da ordem social e/ou segurança pública. O ápice da questão é: a que se deve a omissão, irrelevância e negligência da Polícia Civil em atividades que são de sua responsabilidade? Há muitos questionamentos sobre a constitucionalidade das operações realizadas pelo MP, alguns juristas chegaram ao ponto de declarar inconstitucional uma operação realizada pelo MP/GAECO de combate a crimes organizados. Fica difícil discernir o que seria algo inconstitucional! Na minha avaliação, inconstitucionalidade é infringir leis estabelecidas para a manutenção do convívio social, e não oferecer denúncias contra pessoas que tentam minar a ordem social. No entanto, o que deveria ser explanado é a importância de manter a ordem social, com princípios tais como a ética e a moral.

Carta

CINTHIA MORENO, fisioterapeuta da Casa Durval Paiva

Reabilitação de pacientes hemofílicos A hemofilia é uma doença congênita (hereditária) caracterizada pela deficiência de uma proteína da coagulação do sangue. Acomete principalmente indivíduos do sexo masculino e pode ser dividida em dois tipos: A e B. Na Hemofilia A, ocorre deficiência do fator VIII, e na Hemofilia B, do fator IX. Em ambos os tipos as características de hereditariedade, o quadro clínico e a classificação são semelhantes. A principal característica da hemofilia é a ocorrência de hemorragias (sangramentos) que podem ocorrer em qualquer lugar do corpo de forma espontânea ou devido a algum tipo de trauma. As hemorragias mais comuns se apresentam sob a forma de hematomas (manchas roxas na pele) e hemartroses (hemorragias dentro das articulações). Essas manifestações variam de acordo com o grau de deficiência do fator e surgem ainda na infância. As articulações que são mais acometidas por hemartroses são ombro,

cotovelo, joelho e tornozelo. Não existe cura para a hemofilia, mas a doença pode ser bem controlada com o uso de concentrados do fator deficiente e podem ser administrados de forma preventiva e também nos casos de hemorragias. Além de prestar assistência a crianças e adolescentes, de 0 a 18 anos, com diagnóstico de câncer, a Casa Durval Paiva também dá suporte aos pacientes que têm diagnóstico de doenças hematológicas, como é o caso da hemofilia. Avaliamos no setor de fisioterapia as crianças e adolescentes, através de métodos e técnicas específicas como: alongamento, condicionamento físico e fortalecimento muscular, uso de gelo e eletroanalgesia, com o objetivo de aliviar a dor, auxiliar na reabsorção da hemorragia, atuar sobre o processo inflamatório, melhorar a força muscular e a mobilidade articular, estimular a prática de atividade física que não ofereça riscos, melhorar a qualidade de

A campanha política para o cargo de prefeito da cidade de Natal, principalmente neste 2º turno, foi estranha, para não dizer: ficou muito a desejar, quanto ao nível. O que se viu nos debates, entre os dois candidatos na televisão, foi uma preocupação quase que apenas em ataques verbais ao adversário. Cada um, com aparente imaturidade, queria demonstrar que o seu nome representaria "a mudança" para a gestão da capital do Estado do RN. Para tal, usavam palavras de agressividade um ao outro, parecendo que estavam em um ringue de luta livre. Já no horário político e em outros tipos de propagandas, observou-se que, além do comportamento anterior, as promessas de realizações ultrapassavam, em muito, o limite financeiro do caixa público do nosso município. Nenhum se preocupou em dizer que só poderia fazer alguma coisa depois de sanear a situação financeira de Natal, desculpa que, inevitavelmente, o novo prefeito irá usar, ao começar a ser cobrado em relação às promessas firmadas. Entendo que cada candidato deveria ter apresentado as suas prioridades, em cada área, porém, acima de tudo sendo bastante realista e não sonhando alto demais, pois, ao não realizar algo prometido, irá parecer, aos olhos do seu eleitorado, um irresponsável mentiroso. O ideal seria ter apresentado, por área, a relação das ações que desejava realizar, em escala de prioridades, já que os recursos com que poderá contar nunca serão suficientes para cobrir todas as despesas ou investimentos do seu rol. Quando este artigo for publicado, talvez já se saiba qual o novo prefeito, por isso vale a pena enviar uma sugestão ao gestor da nossa cidade: quando estiver na dúvida entre a realização de duas ações importantes e que estejam dentro das condições financeiras do município, opte sempre pela que mais beneficiará a população como um todo. Esta posição resume o seguinte: priorize sempre as necessidades, em detrimento dos desejos, ou seja, nem sempre aquilo que a população deseja mais é o que ela mais necessita. É importantíssimo, porém, ouvir a população e os seus argumentos com sabedoria, pois, às vezes, também, o que, aparentemente, não é tão necessário, após a análise e interpretação dos argumentos apresentados, passe a ser imprescindível, ou seja, a situação mude totalmente. Assim, embora que para cada área deva haver um bom estudo das respectivas prioridades, nenhuma pode ser esquecida ou desconsiderada. Entenda-se como área a Saude, Educação, Segurança Pública, Trabalho e Assistência Social, Infraestrutura, Administração e Recursos Humanos, Agricultura, Planejamento e Finanças, Meio Ambiente, Cultura e Turismo e Tributação, entre outras que possa ter esquecido. Defende-se aqui, portanto, que a responsabilidade da gestão municipal ultrapassa suas obrigações constitucionais, participando, também, o município, em ações complementares às desenvolvidas pelos governos federal e estadual nas áreas de suas responsabilidades. O meu candidato é o mesmo do 1º turno e espero que ele se eleja, pois, para mim, é o mais habilitado para assumir tamanha responsabilidade. Isto não me leva a denegrir a imagem do seu adversário, até porque os dois são pessoas íntegras. Cada ser humano tem qualidades e defeitos: o importante, portanto, é tentar colocá-los em uma balança e vislumbrar em qual deles as qualidades ultrapassam, em muito, os defeitos.

vida e prevenir novas lesões e seqüelas. O tratamento é sempre individualizado de acordo com o quadro clínico apresentado pelo paciente. É essencial também a educação das crianças e adolescentes, seus familiares e cuidadores para que estes adquiram um conhecimento adequado sobre a doença e possam identificar rapidamente os sinais e sintomas das hemorragias e, desta forma, se necessário, possam recorrer ao tratamento apropriado o mais rápido possível. Crianças e adolescentes hemofílicos podem e devem ter uma boa qualidade de vida, inseridos nas atividades peculiares de sua idade na escola, e até participar de atividades e brincadeiras junto com os demais colegas, desde que estas ações não lhes ofereça riscos. A assistência ao paciente hemofílico não potencializa suas limitações, mas estimula seu potencial para se adaptar as circunstâncias e estar inserindo como indivíduo na sociedade.

HÉLIO CÂMARA Sr. Editor. Meu amigo há 31 anos, aniversaria hoje o maior narrador do século e da atualidade no RN. Amigo leal, inseparável da probidade, ética e correção. Meus amigos e colegas de Conselho no Flamengo como: Roberto Irineu Marinho, Ziraldo, Gustavo Capanema Filho, Milton Gonçalves, Dr. José Luiz Runco, Apolinho, Diogo Nogueira, ministro Marco Aurelio de Melo, Des. Marcos Faver, Neguinho da Beija Flor, Renato de Almeida Braga, Márcio Braga, que lhe ouviram aqui na radio Cabugi, em cd que levei e na internet me perguntaram: "Com esse vozeirão, conhecimento de futebol e rapidez de raciocinio porque Hélio Câmara não está no eixo Rio/SP ? Com a benção de DEUS muita saúde para ele e toda sua família. PARABÉNS. CID MONTENEGRO AMIGO PESSOAL E FÃ DO RADIALISTA SUPER HÉLIO (FLABCID@UOL.COM.BR)

NOTÍCIAS QUE OS OUTROS PUBLICARÃO AMANHÃ

OJORNALD EHOJE DIRETOR-EDITOR Marcos Aurélio de Sá DIRETOR ADMINISTRATIVO Marcelo Sá DIRETORA DE REDAÇÃO Sylvia Sá

EDITORES Fernanda Souza Juliana Manzano João Ricardo Correia EDITOR DE POLÍTICA Túlio Lemos EDITOR DE ESPORTES

w w w . j o r n a l d e h o j e . c o m . b r Gabriel Negreiros EDITORA DE CULTURA Daniela Pacheco EDITOR RESPONSÁVEL / PORTAL JH Wagner Guerra GERENTE COMERCIAL Karina Mandel

ASSINATURA ANUAL Capital: R$ 210,00 Interior (via ônibus): R$ 250,00 Interior e outros Estados (via correios): valor da assinatura + o custo da postagem EXEMPLAR AVULSO R$ 1,00

ASSINATURA SEMESTRAL Capital: R$ 130,00 Interior (via ônibus): R$ 150,00 Interior e outros Estados (via correios): valor da assinatura + o custo da postagem EDIÇÃO ATRASADA R$ 4,00

O JORNAL DE HOJE se reserva o direito de não aceitar informes e material publicitário que infrijam as leis do país e a ética jornalistica. Informações, comentários e opiniões contidos em artigos assinados não possuem, necessariamente, o endosso da Direção. Só é permitida a reprodução de matérias com prévia autorização escrita e com a citação da fonte em destaque

REDAÇÃO E OFICINAS: Rua Dr. José Gonçalves, 687 - Lagoa Nova | Natal - RN - CEP 59056-570 |Brasil - Telefax: (84) 3211-0070 ramal 214 - Assinaturas: (84) 3221-5058 | jornalismo@jornaldehoje.com.br - www.jornaldehoje.com.br Editado e publicado por RN Gráfica e Editora Ltda. http://www.jornaldehoje.com.br - jornaldehoje@digi.com.br - jornaldehoje@uol.com.br - artigos@jornaldehoje.com.br - administracao@jornaldehoje.com.br - jornalismo@jornaldehoje.com.br - assinaturas@jornaldehoje.com.br - comercial@jornaldehoje.com.br


Política

Sexta-feira

Natal, 26 de outubro de 2012

O Jornal de HOJE 5

“Não aceito a tentativa de colocar culpa no judiciário pelas mazelas do Estado” JUDITE NUNES

RESPONDE AO

GOVERNO, QUE APONTOU OS REPASSES AO JUDICIÁRIO COMO JUSTIFICATIVA PARA CRISE José Aldenir

CIRO MARQUES REPÓRTER DE POLÍTICA

O Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu: o Governo do Estado vai ter que pagar, integralmente, os valores referentes à parcela do duodécimo de outubro (R$ 57 milhões) ao Poder Judiciário. A decisão, por sinal, foi quase que simultânea às duras declarações da presidente do Tribunal de Justiça do RN, Judite Nunes, sobre a atitude do Governo Estadual de tentar colocar a responsabilidade no TJ e no Ministério Público do Rio Grande do Norte (MP/RN) pelas dificuldades financeiras que as contas públicas estaduais atravessam. "No que diz respeito à tentativa de colocar culpa no Judiciário pelas mazelas do Estado, não aceito. Temos os nossos defeitos e o que mais fiz na Presidência do TJ foi enfrentá-los sem receio, sem hesitações", afirmou a presidente em entrevista concedida à assessoria de imprensa do próprio Tribunal. Essa, inclusive, foi à primeira declaração oficial que Judite Nunes deu desde que o mandado de segurança enviado para o Poder Judiciário junto ao STF para garantir o repasse integral foi noticiado, no início da semana. Segundo Judite Nunes, desde o início da gestão dela, tem "feito enormes economias, algo em torno de R$ 46 milhões" e, por isso, a insatisfação pela "insinuação de que

Judite: “Os números que dispomos sequer deixam clara a alegada queda de arrecadação, muito menos que tal ocorre ao ponto de prejudicar os repasses do Judiciário” o Judiciário é o responsável pelas dificuldades financeiras do Estado. Todos sabem da falta de juízes e servidores no Estado e passei toda a minha gestão sem abrir os respectivos concursos, não obstante orientação do CNJ neste sentido. Contribuição maior não poderia existir", afirmou.

Judite Nunes também respondeu as declarações do secretário de Planejamento e Finanças, Obery Rodrigues, que por meio d'O Jornal de Hoje cobrou que o TJ reduzisse seus gastos com diárias. "Lamento que algumas pessoas tentem brincar com os números. Nossos gastos com diárias vêm caindo

consideravelmente, apesar da deficiência de juízes e servidores nas comarcas do interior que nos obriga a deslocar, todos os dias, pessoas para desenvolver suas atividades nestas comarcas", respondeu. Além de se defender, inclusive, Judite Nunes atacou. Questionou os números divulgados pelo Gov-

erno e reafirmou que as explicações nunca são suficientemente claras. "Sei que existem dificuldades, mas não sabemos ao certo o tamanho nem os motivos. Fala-se na queda do FPE, mas pelos dados que nossos técnicos extraíram do Portal da Transparência do próprio Executivo o FPE de janeiro a setembro

subiu, em relação ao mesmo período do ano anterior, aproximadamente 4,3%. E o ICMS subiu quase 13%. Os Royalties já superaram, até este mês, toda a arrecadação do ano anterior". E não foi só. Judite Nunes também ressaltou: "Basta olhar o Diário Oficial dos últimos 30 dias para ver que foram nove decretos abrindo crédito suplementar no total de quase 34 milhões de reais somente por excesso de arrecadação. Portanto, os números que dispomos sequer deixam clara a alegada queda de arrecadação, muito menos que tal ocorre ao ponto de prejudicar os repasses constitucionais do Judiciário". Vale ressaltar que sobre essa situação, em entrevista ao JH, Obery Rodrigues afirmou: "Onde que o estado está batendo recorde, comparativamente a que? Estão querendo dizer que a receita do ICMS é maior que a do ano passado? É preciso acabar com esse discurso vazio de que o estado está batendo recorde, nós temos que nos ater a uma estimativa de receita do orçamento e o que está sendo realizado. Isso do lado da receita, do lado da despesa, é ver como está sendo distribuída esta despesa, quem é que gasta mais, quem é que gasta menos. Só se trata disse em cima de parâmetros comparativos, como é que o RN se insere no contexto regional? Há distorções? Essa a questão que precisa se enfrentada, discutida, sem subterfúgio".

Governo se negou a repassar até o dinheiro da folha de pagamento dos servidores do Tribunal de Justiça Wellington Rocha

Juíza Hadja Rayanne, presidente da AMARN: “Decisão do STF era esperada”

Cobrir o frio com o cobertor alheio. A frase da presidente da Associação dos Magistrados do RN (Amarn), Hadja Rayanne, sobre a atitude do Poder Executivo de cortar parte dos repasses públicos ao TJ parece se encaixar cada vez melhor à medida que mais fatos vão sendo revelados. Isso porque, justificando necessitar de recursos para pagar a sua folha salarial, o Governo do Estado chegou a liberar recursos para o Tribunal que não eram suficientes nem mesmo para custear os salários do Judiciário potiguar. "O Executivo chegou a se negar a repassar até mesmo o valor integral da folha de pagamento. Tais valores só foram repassados 13 minutos antes do fechamento do banco e após longas reuniões, de tal forma que por muito pouco nossos servidores e juízes não deixaram de receber suas remunerações. Não é cor-

reto. Não é admissível. Se não gastamos um centavo a mais e, pelo contrário, nossas despesas são inferiores às previstas no orçamento, por que vamos deixar de pagar nossa folha? E sequer fomos previamente avisados, só tomando conhecimento três horas antes do final do prazo", revelou a desembargadora Judite Nunes. A desembargadora do TJ, por sinal, fez questão de lembrar que, diferentemente do que se tenta propagar, o orçamento do Judiciário é pequeno em relação ao do Estado, representando pouco mais de 7%. "Nossos repasses não são significativos como se tenta afirmar. Estamos falando de diferença de repasses de R$ 10 milhões mensais quando as receitas do Estado este ano, até agora, já chegaram a aproximadamente sete bilhões". Para reforçar o que diz, Judite Nunes deu o exemplo dos R$ 10

milhões que o Executivo este mês destinou, fora o que já tinha, para gastar com propaganda. "Acho que está havendo uma completa distorção da realidade dos fatos. Aqueles que seguem nesta linha - procurando o caminho fácil de atribuir culpa ao Judiciário pelo desequilíbrio financeiro que não ocasionamos - muitas vezes se aproveitando de desgastes que recentemente tivemos perante a opinião pública, estão praticando um ato de extrema irresponsabilidade para com a sociedade, para com os Poderes constituídos e para com o próprio Estado", acrescentou. TEMPO Era uma questão de tempo a decisão do STF determinando o repasse integral dos valores previstos no duodécimo. Pelo menos, para a presidente da Amarn, Hadja Rayanne. "Era esperada. O direito

era líquido e certo", afirmou ela, que em entrevista ao JH no início da semana já havia dito que o mandado de segurança estava com o ministro Ricardo Lewandowski - revisor do Mensalão em Brasília. "É um marco histórico, é uma vitória do orçamento real do Tribunal de Justiça. Agora, esperamos que o Governo reabra o canal de negociação com o TJ", afirmou a magistradas. Na decisão do ministro Ricardo Lewandowski, o Governo do Estado foi obrigado a pagar R$ 57 milhões imediatamente, referentes ao mês de outubro. Como a decisão foi em caráter liminar, para evitar que o TJ tenha ainda mais problemas econômicos, o ministro do STF ainda vai julgar o pedido referente ao pagamento integral dos valores que não foram pagos nos meses de janeiro a agosto - que somam cerca de R$ 64 milhões - e o repasse completo até o final do ano.

> CEARÁ-MIRIM

Câmara espera defesa e contas de Peixoto devem ser julgadas só na próxima terça-feira Fazer o que é certo. É isso que os vereadores querem fazer no que diz respeito ao julgamento das contas do prefeito de Ceará-Mirim, Antonio Peixoto, do PR. Pelo menos foi isso que a vereadora Zélia Santos, do PSDB, afirmou em contato com O Jornal de Hoje pela manhã. Ela é a relatora do processo da Comissão de Finanças da Câmara, que pede a condenação pelas dívidas contraídas durante a gestão de 2010. Para que esse julgamento das contas respeite o devido processo legal, porém, ainda é preciso aguardar a defesa do ex-prefeito a respeito das dívidas. O prazo dele é até segunda-feira. Por isso, só na terça as contas podem ir a julgamento. "Estamos aguardando a defesa. Quando ele mandar, se ele mandar, vamos analisar o que será feito e dar andamento ao processo", analisou Zélia Santos. A vereadora do PSDB, porém, evitou falar em uma condenação

antecipada. "O que eu sinto é que todos na Câmara estão cientes de fazer o certo. Não queremos prejudicar ninguém. Claro que se tiver errado, vai ter que votar o certo", afirmou Zélia Santos. É importante lembrar que, nesse caso, como o relatório do Tribunal de Contas do Estado (TCE) foi favorável a aprovação das contas do prefeito referentes ao exercício de 2010, e o relatório da Comissão de Finanças foi pedindo a desaprovação, é preciso que dois terços dos 13 vereadores votem pela condenação para que o prefeito, realmente, tenha suas contas rejeitadas. Com uma condenação na Câmara, inclusive, Peixoto pode até não ser diplomado para seu novo mandato. A justificativa para isso é a mesma usada para os outros membros da lista, como o ex-prefeito de Natal, Carlos Eduardo Alves. Nesse caso, o gestor conseguiu passar pelo registro de candidatura graças a liminar na Justiça Comum

que suspendeu a condenação na Câmara. Contudo, caso essa liminar seja derrubada, ele ficaria desprotegido e poderia sofrer um novo processo de impedimento. Nas contas do prefeito no exercício de 2010, no tocante as despesas com pessoas, por exemplo, segundo a vereadora relatora do processo, Zelia Santos, é possível perceber que o Poder Executivo efetuou gastos totais de R$ 41.265.005,17, o que corresponde a 60,04%, ultrapassando os limites percentuais permitidos pelo artigo 169 da Constituição Federal. "Registro ainda que o aumento de gastos se consolida como uma crescente, evoluindo de 2008 a 2012 em quase R$ 11 milhões, algo inaceitável para um município com tantas deficiências", escreveu a relatora. Quanto a apuração de déficits financeiros, a vereadora Zélia Santos entendeu como grave as ponderações da equipe técnica do TCE, quando apontou que o Mu-

nicípio, no exercício de 2010, encontra-se com uma suficiência financeira abaixo das obrigações de curto prazo. "Em 2007, tínhamos R$ 2,4 milhões, enquanto em 2010 esse valor passa para R$ 6,3 milhões, numa clara revelação de má gestão da coisa pública, pelo menos ao nosso sentir". Segundo a relatora, as práticas de "má gestão" se traduziram também nas dívidas que o Poder Executivo deixou de pagar. Esse não pagamento, inclusive, se repetiu em praticamente todas as pastas do Poder Executivo, "o que configura sem qualquer dúvida, falta de zelo com o erário, bem como pode acarretar uma possível ação de improbidade administrativa, vez que, conforme apontado, vários dos débitos estão escritos em fontes provenientes de recursos federais, os quais devem ser aplicados diretamente para posteriore prestação de contas a União".

Arquivo

Prefeito Antonio Peixto pode ter contas reprovadas pelos vereadores de Ceará-Mirim


4 O Jornal de HOJE

Natal, 26 de outubro de 2012

Walter Gomes DE BRASÍLIA - walgom@uol.com.br

Eleição no Império do Norte Dia 6 de novembro, os estadunidenses vão às urnas para eleger o presidente da República. Mas, a escolha não se encerra aí. Em 17 de dezembro, formado por representantes escolhidos nos estados, o colégio eleitoral referenda a preferência popular ou consagra o nome escolhido pelos delegados. Meia dúzia de candidatos, pelo menos, concorre à Casa Branca. Dois, porém, são os que valem de fato: o democrata Barack Obama, que tenta o segundo mandato, e o republicano Mitt Romney, ex-governador de Massachussetts. n n n O birô da coluna recorre a texto de Cesar Maia (*), para esclarecer alguns pontos da agenda de campanha. Seguem: -Tradicionalmente, as questões internas, como economia e mercado de trabalho, são o forte dos candidatos democratas. Lembre-se da frase "é a economia, estúpido", na primeira eleição de Bill Clinton. Já os assuntos externos, da visão imperial dos EUA, são, tradicionalmente, os destaques na pregação dos republicanos. Agora, na campanha de 2012, as pesquisas mostram uma inversão. Obama vence nos temas externos; Romney, nos itens internos, especialmente emprego. nnn Outra observação de Maia, dedicado analista dos números das sondagens de opinião: "Para mais de 60% dos americanos, a economia vai mal. Por outro lado, apesar dos sinais de melhoria da economia do país, nem os articulistas pró-Obama, nem a argumentação dele próprio, conseguem desqualificar as propostas de Romney. O republicano mantém vantagem na abordagem da agenda interna. Depois de 4 anos, com resultados pífios em matéria econômico-social, a ideia predominante é que Obama e equipe não estão preparados para mitigar as consequências sociais da crise. E, para alimentar a esperança dos que estão na fila de emprego, Romney anuncia a criação de 12 milhões de oportunidades. Isso explica o empate técnico ou pequena vantagem, até aqui, do representante republicano." Comentário final: "A vitória de Obama no último debate, centrado em política internacional, não deve alterar o cenário mostrado nas pesquisas. E agora, mais do que nunca, ambos os candidatos mergulham nos estados, buscando o melhor resultado na eleição de delegados distritais. Há estados onde o vencedor, mesmo que seja por um voto. leva todos. Em outros, respeita-se a proporção dos sufrágios. É possível que Romney vença o pleito majoritário, mas perca a eleição em número de delegados. Seria o resultado invertido da disputa Al Gore x Bush (o filho), em 2000." nnn (*) Cesar Maia integra o grupo de brasileiros enfronhados na política internacional. Membro da cúpula federal do DEM, ele costuma representar a sigla na maioria de eventos partidários mundiais.

Onda perde força A propósito da reforma do primeiro escalão do governo Rousseff. Não será ampla, como foi desenhada há um mês e meio; nem tão estreita quanto se comenta, agora, na Esplanada dos Ministérios. nnn Permanecem os executivos da política econômico-financeira: Guido Mantega (Fazenda) e Alexandre Tombini (Banco Central). E já não se fala na substituição de Antonio Patriota (foto), o número um do Itamaraty. Mexidas prováveis: Casa Civil, Cidades e Transportes.

LEITURA DINÂMICA t

Governo e oposição unem-se para votar, a partir da próxima semana, o projeto dos royalties do petróleo. t Valdemar Carneiro Leão, neto, vai assumir a embaixada do Brasil em Pequim. Paulista de Santos, o diplomata tem 67 anos. t Quanta deficiência na política energética da República Surrealista dos Trópicos. É apagão por todo lado, e repetidamente. t Dos cinco deputados postulantes à sucessão de Henrique Eduardo Alves na liderança do PMDB, os dois mais ligados ao potiguar são Marcelo Castro (PI) e

Eduardo Cunha (RJ). É mínima, porém, a chance do fluminense. t Juros e câmbio vitaminam a economia interna, mas criam complicadores para as exportações brasileiras. t Título de eleitor à vista, porque depois de amanhã, você, leitor-eleitor, decide quem será o prefeito de Natal. Há o candidato Carlos Eduardo Alves (PDT) e o postulante Hermano Morais (PMDB). Atente para o significado da escolha. t Para refletir: "Explica-se bastante quem cora e cala" (Pietro Metastasio, escritor e poeta italiano).

Política

Sexta-feira

Festa na governadoria para Rosalba tem presença de crianças carentes GOVERNADORA

RECEBE CUMPRIMENTOS DE ENTIDADES PELO ANIVERSÁRIO

A governadora do Estado, Rosalba Ciarlini, recebeu, nesta manhã, convidados especiais para comemorar seu aniversário de 60 anos. Estavam presentes na governadoria crianças e adolescentes atendidos pelos projetos desenvolvidos pelo Corpo de Bombeiros Mirim, Guarda Ambiental Mirim, Legião da Boa Vontade, União dos Escoteiros do Brasil-RN, Grupo de Desbravadores, além do pessoal do Programa Educacional de Resistência às Drogas (Proerd). Integravam ainda o grupo que homenageou Rosalba, secretários, servidores e populares. Logo na descida do carro, na rampa de acesso a governadoria, a Chefe do Executivo foi saudada pela banda da Polícia Militar, entoando "A guerra dos meninos", de Erasmo e Roberto Carlos. No meio do caminho até a porta de entrada do prédio onde despacha, Rosalba ainda foi presenteada com flores pela bailarina Laura Vasconcelos, a única potiguar selecionada para a Escola do Ballet Bolshoi, de Santa Catarina. O curioso é que todos os grupos de convidados são, de um modo ou de outro, atendidos pelo Governo do Estado. É o caso do Corpo de Bombeiros Mirins, entidade reconhecida oficialmente a partir da Lei Nº 9.561 de 2011, assinada por Rosalba. A corporação se orgulha de ter 120 jovens sob seus cuidados, os quais recebem somente duas refeições por dia como incentivo. A ideia

Heracles Dantas

Hoje pela manhã, ainda na rampa da governadoria, Rosalba Ciarlini foi cumprimentada por dezenas de crianças e jovens dos Bombeiros Mirins é formar alunos para salvamentos aquáticos e terrestres, além de aprender procedimentos de urgência. Já os meninos e meninas que compõem a Guarda Ambiental, são acolhidos três vezes por semana e recebem, cada um, uma bolsa-auxílio de R$ 80. No projeto, eles têm aulas de artes, reforço escolar e instrução militar. Segundo Lúcia Palhano Barbosa, hoje são atendidas 100 crianças e a meta para o próximo ano é dobrar o efetivo. Por sua vez, o Grupo de Escoteiros do Rio Grande do Norte, que tem em seu quadro 6 mil estudan-

tes como participantes, parece ser o grupo de convidados mais bem atendido. R$ 1 milhão por ano é a quantia destinada a eles para que seja desenvolvido o projeto Escotismo na Escola. Atualmente são 85 grupos desses no Estado e a meta é de se criar em breve um em cada colégio estadual da capital e, pelo menos, um em cada cidade do interior. Quem ainda não teve a mesma sorte foi Organização Não-Governamental Legião da Boa Vontade (LBV), que também almeja ampliar suas instalações e assim atender mais do que as 300 pessoas acolhidas. Obviamente que conta com o apoio da

Amiga da Boa Vontade, Rosalba Ciarlini, para chegar a este fim. Fato é que todos eles aceitaram o convite da Governadoria, e se voluntariaram para render homenagens pelo natalício de Rosalba. Registrese que após a entrada da governadora, no prédio onde trabalha, as crianças foram esquecidas no sol e tiveram dificuldade de chegar até o bolo para cantar parabéns juntamente com o primeiro escalão do Governo. Na noite de hoje, as comemorações continuam em Mossoró, com a celebração de uma missa na Paróquia de São Manoel, no bairro Alto de São Manoel.

> CANCELAMENTO DE REGISTRO

Vereador Ney Lopes Jr contesta George Câmara O vereador Ney Lopes Jr. repeliu, com veemência, a declaração do vereador George Câmara publicada no Jornal de Hoje, segundo a qual os vereadores Edivan Martins e ele estariam querendo "ganhar no tapetão", tendo em vista a anulação dos votos pelo TSE da votação da coligação "União por Natal II". Com essa decisão judicial, se transitada em julgado, o vereador George Câmara perde o seu mandato, por nulidade eleitoral insanável. O vereador Ney Lopes Jr disse que é absolutamente inverídica a informação de George Câmara, de que ele está tentando ganhar no "ta-

petão". E completou: "George Câmara tresleu, ou age de má fé, quando cita o meu nome. Os beneficiários dessa decisão judicial serão, o vereador Edivan Martins e o ex-deputado Cláudio Porpino e não eu. "Todavia, se assumisse a vaga de George Câmara teria mais legitimidade do que ele para exercer o mandato, porque tive mais votos nas urnas. O que deveria definir a preferência popular é o voto direto, o desejo do eleitor e não o quociente eleitoral. Mas em qualquer hipótese respeito, de forma democrática, o resultado das urnas", finalizou Ney Lopes Jr.

Ney Jr.: “Teria mais legitimidade que George, porque tive mais votos nas urnas”

> TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO

Ex-gestores condenados a restituir R$ 1,2 milhão Em apenas dois processos relacionados ao Fundef, ex-gestores dos municípios de Felipe Guerra e Caiçara do Norte foram condenados a devolver mais de R$ 1,2 milhão em decorrência da omissão em prestar contas. Os processos foram relatados na sessão da Primeira Câmara de Contas na sessão de quinta-feira, 25/10. O conselheiro Carlos Thompson relatou processo de Felipe Guerra, balancete do Fundef relativo a 2002, sob a responsabilidade do Sr. Hulgo Costa da Silva. O voto foi pelo ressarcimento de R$ 773.017,38, decorrente da omissão no dever de prestar contas, o que remete a irregularidade no uso do dinheiro público, já que não conseguiu comprovar a sua correta execução. Também relatou processo de prestação de contas da prefeitu-

ra de Boa Saúde, relativo ao exercício de 2004, a cargo do então prefeito, Sr. Paulo de Souza. O voto foi pela obrigação de ressarcir ao erário a importância de R$ 138.297,22, em razão da concessão e pagamentos irregulares de diárias, não comprovação da destinação pública de despesas realizadas para aquisição de óculos, peças de bijuterias, camisetas e combustíveis. A conselheira Maria Adélia Sales relatou processo de Passa e Fica, documentação comprobatória de despesas referente ao 4º e 5º bimestres de 2002, sob a gestão do Sr. Pedro Augusto Lisboa. O voto foi pela restituição de R$ 12.795,40, em virtude da aquisição de material sem destinação específica. Da câmara municipal de Tibau do Sul, prestação de contas do exercício de

2007, sob a responsabilidade do Sr. Rosinaldo Lopes da Costa Galvão. "A inércia do gestor em prestar as contas devidas conduz á presunção de ilegalidade das contas", enfatizou, votando pela restituição de R$ 31.382,87, além de multa. Da prefeitura de Angicos, prestação de contas de 2007, gestão do então prefeito Manoel Agnelo Bandeira de Lima. . Voto pela irregularidade, também decorrente da omissão na apresentação de documentos solicitados pelo TCE, determinando-se a restituição de R$ 179.142,63. O conselheiro Marco Antônio de Moraes Rêgo Montenegro relatou processo de balancete do Fundef referente ao exercício de 2000 em Caiçara do Norte, a cargo do Sr, José Edilson Alves de Menezes. O voto foi pelo ressarcimento de R$

437.786,70, referente a execução de despesas não comprovadas. Da câmara municipal de Lucrécia, prestação de contas referente ao exercício de 2009, responsabilidade do Sr. Vanildo Soares de Souza. O voto foi pela aplicação de multa no valor de R$ 13.500,00, em razão da ausência de publicação do relatório de Gestão Fiscal de 2009. Da prefeitura de poço Branco, apuração de responsabilidade referente aos exercícios de 2004 a 2008, a cargo do Sr. Roberto Lucas de Araujo e Nilse Cavalcante da Silva. O voto foi pela aplicação de multas, nos valores de R$ 72.350,00 e R$ 16.300,00, especificamente, referentes ao atraso na entrega das prestações de contas, relatórios de gestão fiscal e relatórios anuais dos períodos assinalados.


6 O Jornal de HOJE

Natal, 26 de outubro de 2012

Cidade

Sexta-feira

Justiça suspende licitação dos transportes de Natal por suspeitas de irregularidades CONTRATAÇÃO DE EMPRESA TERIA SIDO ACORDADA ENTRE PROPRIETÁRIO E EX-SECRETÁRIO DE PLANEJAMENTO, ANTÔNIO LUNA ROBERTO CAMPELLO ROBERTO_CAMPELLO1@YAHOO.COM.BR

Emperrado na Câmara Municipal de Natal há meses, o processo de licitação dos transportes públicos de ônibus de Natal está suspenso pela Justiça. O juiz Cícero Martins de Macedo Filho, da 4ª Vara da Fazenda Pública de Natal, suspendeu, pelo prazo de 90 dias, o edital por considerar a possibilidade de existência de fraudes na formulação da concorrência. O edital foi elaborado pela empresa Oficina Engenheiros Consultores Associados Ltda. e a suspensão atende pedido do Ministério Público do Rio Grande do Norte. O MP alegou que todos os procedimentos para a realização da licitação foram concluídos, estando a depender apenas de autorização legislativa da Câmara Municipal. Porém, para a realização da licitação foi contratada uma empresa especializada para elaboração do edital de modelo jurídico financeiro da concessão. Essa empresa, de acordo com o MP, está sob suspeita. O secretário municipal de Mobilidade Urbana (Semob), Márcio Sá, disse que recebeu a decisão com "tranqüilidade e prudência". Segundo ele, o período em que o MP investigou as possíveis irregularidades é anterior a sua entrada na Secretaria. À época da investigação quem estava à frente da Semob era a ex-secretária Ana Elizabeth Thé. No entanto, Márcio Sá, que assumiu a Secretaria em fevereiro deste ano,

disse que já determinou que fosse instaurado um processo administrativo dentro da Semob para apurar se houve alguma irregularidade durante a escolha da empresa. "Entendo a decisão judicial, pois todo o processo de licitação dos transportes públicos de Natal precisa ser feito com bastante transparência e se há algum indício que venha a macular o processo, este precisa ser interrompido. No entanto, mais uma vez, o processo será retardado e todas as correções no projeto que foram feitas pela equipe técnica da Semob e da empresa deverão ser modificadas ou ficarão suspensas até que se julgue o mérito", explicou Márcio Sá. Com a suspensão do processo por 90 dias, a responsabilidade por em prática a, tão esperada, licitação do transporte público de Natal será do próximo prefeito de Natal. "Mas espero que ela possa ser realizada o quanto antes, para que a população não sofra mais e que possa ser ordenado todo o sistema de transporte da cidade", ressaltou Márcio Sá. O secretário disse também que se sente aliviado, pois, com a suspensão, foi extinta a multa de R$ 500 mil imposta pela Justiça, caso o secretário não realizasse a licitação do transporte público de Natal. Após investigação realizada pela 60ª Promotoria de Justiça para apurar esquema de desvio de recursos públicos na Secretaria Municipal de Saúde, na chamada Operação Assepsia, medidas cautelares foram realizadas, e dentre elas

está a quebra de sigilo telefônico dos envolvidos, na qual figura o ex-secretario de Planejamento de Natal, Antônio Luna. De acordo com o MP, na apuração foram encontradas provas fortuitas que reportam à questão da licitação do transporte públicos na capital, e que podem apresentar "séria mácula à regularidade dos procedimentos em que se dará a concessão". Áudios da investigação surgiram diálogos que apontam para um suposto encontro, por parte de Antônio Luna e o sócio-proprietário da empresa Oficia Engenheiros Consultores Associados, Antônio Luiz Mourão Santana, pouco antes desta ser contratada pelo ente público para a elaboração do edital de licitação dos transportes públicos de Natal. Os áudios, de acordo com o MP, foram contemplados com o levantamento parcial do sigilo deferido pelo Juízo da 7ª Vara Criminal e, neles, haveria sérios indícios de que a contratação de empresa para elaborar o edital de licitação do transporte público de Natal foi previamente acordada entre Luna e Antônio Luiz Mourão. Quando julgou a ação, o juiz Cícero Martins considerou que não há, ainda, prova substancial que comprove que o processo licitatório teve fraudes. Porém, o magistrado entendeu que não pode ser descartada a possibilidade de que tenha ocorrido um conluio no sentido de ferir a imparcialidade da licitação, ou mesmo que a própria contratação da empresa responsá-

Herácles Dantas

Márcio Sá afirma que determinou a instauração de processo administrativo dentro da Semob para apurar irregularidades vel pela confecção do edital tenha lesionado a Lei das Licitações. Quanto ao pedido de sustação do edital de licitação, que se encontra em apreciação na Câmara Municipal de Natal, o magistrado admite a possibilidade de que os procedimentos administrativos que culminaram na confecção do edital de licitação para o sistema de transportes coletivos de Natal possam ter sido maculados, de alguma forma, por comportamentos de agentes públicos e privados, o que será objeto de apuração em proce-

> CIENTEC

dimento próprio, conforme informou o Ministério Público. O juiz considerou que o processo licitatório está prestes a ser deflagrado, conforme informou o MP, já que depende apenas de autorização legislativa. "Desse modo, até para prevenir que o próprio Poder Legislativo se veja diante da possibilidade de chancelar um procedimento viciado, é prudente que se suspenda o curso da apreciação legislativa a partir da suspensão do próprio edital, que embora não tenha ainda sido publicado, pode-

rá vir ao mundo jurídico sob a suspeita de alguma irregularidade, o que poderia, no futuro, importar em prejuízo ao próprio Município", ponderou. O magistrado determinou a citação do Município de Natal para responder, no prazo legal, bem como a intimação da Câmara Municipal de Natal dos termos da decisão, uma vez que, conforme informação do Ministério Público, o edital de licitação encontra-se naquela Casa Legislativa para apreciação.

> AMEs FECHADAS

Campanha 'Caminhos da Otorrinolaringologia' Prefeitura retoma expõe ouvido, nariz e boca gigantes em Natal atendimento básico em 5 de novembro

Uma das maiores atrações da Cientec, exposição de Ciência, Tecnologia e Cultura da UFRN, diz respeito à campanha nacional da Associação Brasileira de Otorrinolaringologia, que trouxe para Natal a oportunidade de um passeio pelo corpo humano através de três superestruturas infláveis, simulando uma boca, um nariz, e uma laringe gigantes. Representando a quarta especialidade em atendimentos médicos no País, a otorrinolaringologia trata de problemas referentes aos três órgãos, que podem atingir todas as faixas etárias. A campanha 'Caminhos da Otorrinolaringologia' tem como objetivo conscientizar a população sobre os principais cuidados com os ouvidos, o nariz e a garganta, além da prevenção de doenças que acometem esses órgãos do corpo humano. A iniciativa está percorrendo todo o Brasil, chegando à capital potiguar nesta sexta-feira. A carreata ficará em exposição no campus universitário até domingo (28), das 9h às 22h. O evento conta também com um espaço para teste de olfato, palestras, atrações de entretenimento e o esclarecimento de dúvidas com otorrinolaringologistas. De acordo com o otorrino Fábio Lorenzetti, assessor da coordenação nacional da campanha, o público poderá conhecer a fisiologia e as principais doenças que afetam estas áreas. "Queremos divulgar para a população como é a anatomia e como funcionam esses órgãos para que ela entenda e possa preservar melhor sua própria saúde. Mostraremos também tudo o que um otorrinolaringologista faz, médico capacitado para fazer diagnósticos que comprovam os problemas que envolvem o nariz, ouvido e garganta. Tem pessoas que tem um problema de voz, por exemplo, e não sabem a quem procurar", explica Dr. Fábio Lorenzetti. A população que visitar a exposição poderá 'viajar' por toda a estrutura interior de cada um desses órgãos, além de conhecer seu funcionamento e os principais males que acometem a saúde através deles. O público poderá ainda conferir com os médicos se o volume de seus aparelhos de mp3 e celulares está adequado para manter a saúde auditiva. Além disso, o teste do olfato convida os participantes a testarem o olfato com os cheiros que saem de dentro de uma caixa surpresa.

Wellington Rocha

Exposição atraiu a atenção dos visitantes que ‘viajaram’ pela estrutura interior dos órgãos para conhecer o funcionamento deles AÇÃO PREVENTIVA AAssociação Brasileira de Otorrinolaringologia, com o apoio da Academia Brasileira de Laringologia e Voz, busca levar à população leiga os problemas que envolvem os órgãos do nariz, ouvido e garganta. Dados da Organização Mundial de Saúde (OMS) apontam que 30% a 35% das perdas auditivas são causadas por exposição a sons intensos e 70% da população mundial respira de forma errada. Já a voz, uma das funções mais utilizadas no dia-a-dia, não é muito preservada. "Hoje em dia as pessoas estão mais relapsas com os cuidados da saúde. Muitos, por exemplo, costumam usar fones de ouvido muito alto e isso no futuro pode ocasionar numa perda auditiva induzida. Então, nosso objetivo é o de conscientizar, de evitar que esses problemas ocorram com tanta intensidade", disse o assessor da campanha. Em relação aos problemas do nariz, Fábio Lorenzetti aponta casos comuns que poderiam ser tratados clinicamente, mas que passam despercebidos pela população. "É muito comum vermos pessoas que estão com o nariz congestionado e, para aliviar, vão à farmácia e compram um remédio para desobstruir a via respiratória. Isso realmente surte efeito, mas com o tempo o remédio pode deixar a via inflamada e o usuário ficar viciado no componente", disse o otorrino. "Nesses casos, é importante que

a pessoa procure um otorrino para fazer um diagnóstico, pois pode ser que ele tenha uma rinite, uma sinusite, desvio dicéptico, enfim, vários problemas que podem causar a obstrução e podem ser resolvidos com um simples tratamento clínico. O ideal é que a pessoa não fique se automedicando", alerta. Para o médico otorrinolaringologista Pedro Cavalcanti, coordenador local da campanha, é importante que as pessoas atentem também para os cuidados com a voz, principalmente em relação à rouquidão. "Nós chamamos atenção para que as pessoas que apresentam rouquidão por mais de três semanas procurem um otorrino. O Brasil é um dos campeões mundiais de câncer de laringe, apresentando 15 mil casos por ano e mortalidade de aproximadamente 8 mil casos", disse. Natal é a 16ª cidade a receber a campanha "Caminhos da Otorrinolaringologia, que finalizará sua passagem pelo País em Recife, no mês de novembro. "Natal tem sido bastante atuante nas ações da Associação Brasileira de Otorrino. Termos esse espaço na Cientec, a maior feira de ciência e tecnologia do NorteNordeste, é um motivo de orgulho para toda a Associação. Serão mais de 80 mil pessoas circulando por aqui, que terão conhecimento sobre a otorrinolaringologia e de como ela é importante para a qualidade de vida da população", afirma Pedro Cavalcanti.

ESTANDE DO HOSPITAL UNIVERSITÁRIO NA CIENTEC EXPÕE CENÁRIO DE UMAUTI O funcionamento das Unidades de Terapia Intensiva (UTIs) é desconhecido por muitas pessoas que já precisaram passar por elas, seja como paciente ou como acompanhante. Para familiarizar a comunidade com um ambiente de UTI, o estande do Hospital Universitário Onofre Lopes (Huol) disponibiliza durante a Cientec um espaço com equipamentos e orientações sobre as unidades. "A intenção do Hospital é mostrar a população e aos estudantes como funciona a UTI. Quais são os aparelhos, como é o procedimento adotado pelos profissionais. A gente percebe que as pessoas ficam muito angustiadas quando o caso clínico de um familiar é tratado nas Unidades de Terapia Intensiva. Muitas vezes já acham que é caso de morte. Por isso, esse espaço foi pensado para esclarecer o tratamento que é dado ao paciente", disse Ana Cristina, enfermeira residente do HUOL. Os visitantes do estande são orientados sobre assuntos como as visitas na UTI, materiais que podem ser levados para os pacientes e sobre a equipe multifuncional, que é composta por assistentes sociais, enfermeiros, farmacêuticos, nutricionistas, entre outros. O estande ainda oferece serviços como verificação da pressão arterial e da glicemia para adultos.

No primeiro dia após o interventor entregar os três Ambulatórios Médicos Especializados (AMEs), de Brasília Teimosa, Nova Natal e Planalto, à Prefeitura de Natal, as pessoas que procuraram atendimento nas unidades se depararam com as portas fechadas. A Secretaria Municipal de Saúde havia informado que o atendimento médico especializado dos AMEs seriam transferidos para as quatro policlínicas da cidade, mas que o atendimento básico, como clínica médica, ginecologia, curativos, vacina, continuaria sendo realizado nos AMEs. No AME de Brasília Teimosa apenas um cartaz informava a população a respeito do futuro da unidade. Não havia nenhum guarda municipal no local. O aviso diz que o atendimento à popula-

ro da Silva ficou surpreso com o fechamento da unidade de saúde. Ele conta que sempre que procurou atendimento no AME foi bem recebido e tinha suas consultas marcadas sem muita demora. Hoje pela manhã, ele, que mora em Mãe Luzia, procurou o AME de Brasília Teimosa em busca de atendimento odontológico. "Isso aqui ter fechado é muito ruim. Agora vou ter que me deslocar para a Ribeira e o atendimento lá é demorado", disse Pedro. Ricardo Alexandre da Silva Costa era outro usuário assíduo dos serviços do AME de Brasília Teimosa. Hoje ele, que foi buscar informação a respeito de uma consulta para sua mãe, foi mais um surpreendido com o fechamento da unidade. "Não sabia de nada. Acho que foi um

No AME de Brasília Teimosa apenas um cartaz informava à população sobre o futuro da unidade.

ção se dará a partir do dia 5 de novembro e que foi suspenso "por necessidade de organização dos serviços para oferecer um melhor atendimento à população". O interventor judicial Marcondes Diógenes, que desde junho está à frente da Associação Marca, investigada na Operação Assepsia, concluiu nesta quinta-feira (25), quando encerrou o contrato, o repasse das unidades ao Município. A Marca continua, através do interventor, à frente da gestão da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do Pajuçara, até o dia 7 de dezembro, quando uma nova Organização Social (OS) deverá assumir o controle da unidade. O aposentado Pedro Ribei-

grande desrespeito com a população. Um serviço tão bom não poderia acabar", afirmou. Carlos José de Oliveira também lamentou o fechamento da unidade. "Era tão bom o atendimento aqui, e agora vamos ser jogados para outro local e teremos que disputar uma vaga. Tomara que o próximo prefeito faça algo melhor pela saúde da nossa cidade, até porque pior do que está não tem como ficar", desabafou o morador de Brasília Teimosa. A reportagem de O Jornal de Hoje tentou, inúmeras vezes, entrar em contato com a assessoria de imprensa da Secretaria Municipal de Saúde, mas não obteve resposta.


6 O Jornal de HOJE

Natal, 26 de outubro de 2012

Cidade

Sexta-feira

Justiça suspende licitação dos transportes de Natal por suspeitas de irregularidades CONTRATAÇÃO DE EMPRESA TERIA SIDO ACORDADA ENTRE PROPRIETÁRIO E EX-SECRETÁRIO DE PLANEJAMENTO, ANTÔNIO LUNA ROBERTO CAMPELLO ROBERTO_CAMPELLO1@YAHOO.COM.BR

Emperrado na Câmara Municipal de Natal há meses, o processo de licitação dos transportes públicos de ônibus de Natal está suspenso pela Justiça. O juiz Cícero Martins de Macedo Filho, da 4ª Vara da Fazenda Pública de Natal, suspendeu, pelo prazo de 90 dias, o edital por considerar a possibilidade de existência de fraudes na formulação da concorrência. O edital foi elaborado pela empresa Oficina Engenheiros Consultores Associados Ltda. e a suspensão atende pedido do Ministério Público do Rio Grande do Norte. O MP alegou que todos os procedimentos para a realização da licitação foram concluídos, estando a depender apenas de autorização legislativa da Câmara Municipal. Porém, para a realização da licitação foi contratada uma empresa especializada para elaboração do edital de modelo jurídico financeiro da concessão. Essa empresa, de acordo com o MP, está sob suspeita. O secretário municipal de Mobilidade Urbana (Semob), Márcio Sá, disse que recebeu a decisão com "tranqüilidade e prudência". Segundo ele, o período em que o MP investigou as possíveis irregularidades é anterior a sua entrada na Secretaria. À época da investigação quem estava à frente da Semob era a ex-secretária Ana Elizabeth Thé. No entanto, Márcio Sá, que assumiu a Secretaria em fevereiro deste ano,

disse que já determinou que fosse instaurado um processo administrativo dentro da Semob para apurar se houve alguma irregularidade durante a escolha da empresa. "Entendo a decisão judicial, pois todo o processo de licitação dos transportes públicos de Natal precisa ser feito com bastante transparência e se há algum indício que venha a macular o processo, este precisa ser interrompido. No entanto, mais uma vez, o processo será retardado e todas as correções no projeto que foram feitas pela equipe técnica da Semob e da empresa deverão ser modificadas ou ficarão suspensas até que se julgue o mérito", explicou Márcio Sá. Com a suspensão do processo por 90 dias, a responsabilidade por em prática a, tão esperada, licitação do transporte público de Natal será do próximo prefeito de Natal. "Mas espero que ela possa ser realizada o quanto antes, para que a população não sofra mais e que possa ser ordenado todo o sistema de transporte da cidade", ressaltou Márcio Sá. O secretário disse também que se sente aliviado, pois, com a suspensão, foi extinta a multa de R$ 500 mil imposta pela Justiça, caso o secretário não realizasse a licitação do transporte público de Natal. Após investigação realizada pela 60ª Promotoria de Justiça para apurar esquema de desvio de recursos públicos na Secretaria Municipal de Saúde, na chamada Operação Assepsia, medidas cautelares foram realizadas, e dentre elas

está a quebra de sigilo telefônico dos envolvidos, na qual figura o ex-secretario de Planejamento de Natal, Antônio Luna. De acordo com o MP, na apuração foram encontradas provas fortuitas que reportam à questão da licitação do transporte públicos na capital, e que podem apresentar "séria mácula à regularidade dos procedimentos em que se dará a concessão". Áudios da investigação surgiram diálogos que apontam para um suposto encontro, por parte de Antônio Luna e o sócio-proprietário da empresa Oficia Engenheiros Consultores Associados, Antônio Luiz Mourão Santana, pouco antes desta ser contratada pelo ente público para a elaboração do edital de licitação dos transportes públicos de Natal. Os áudios, de acordo com o MP, foram contemplados com o levantamento parcial do sigilo deferido pelo Juízo da 7ª Vara Criminal e, neles, haveria sérios indícios de que a contratação de empresa para elaborar o edital de licitação do transporte público de Natal foi previamente acordada entre Luna e Antônio Luiz Mourão. Quando julgou a ação, o juiz Cícero Martins considerou que não há, ainda, prova substancial que comprove que o processo licitatório teve fraudes. Porém, o magistrado entendeu que não pode ser descartada a possibilidade de que tenha ocorrido um conluio no sentido de ferir a imparcialidade da licitação, ou mesmo que a própria contratação da empresa responsá-

Herácles Dantas

Márcio Sá afirma que determinou a instauração de processo administrativo dentro da Semob para apurar irregularidades vel pela confecção do edital tenha lesionado a Lei das Licitações. Quanto ao pedido de sustação do edital de licitação, que se encontra em apreciação na Câmara Municipal de Natal, o magistrado admite a possibilidade de que os procedimentos administrativos que culminaram na confecção do edital de licitação para o sistema de transportes coletivos de Natal possam ter sido maculados, de alguma forma, por comportamentos de agentes públicos e privados, o que será objeto de apuração em proce-

> CIENTEC

dimento próprio, conforme informou o Ministério Público. O juiz considerou que o processo licitatório está prestes a ser deflagrado, conforme informou o MP, já que depende apenas de autorização legislativa. "Desse modo, até para prevenir que o próprio Poder Legislativo se veja diante da possibilidade de chancelar um procedimento viciado, é prudente que se suspenda o curso da apreciação legislativa a partir da suspensão do próprio edital, que embora não tenha ainda sido publicado, pode-

rá vir ao mundo jurídico sob a suspeita de alguma irregularidade, o que poderia, no futuro, importar em prejuízo ao próprio Município", ponderou. O magistrado determinou a citação do Município de Natal para responder, no prazo legal, bem como a intimação da Câmara Municipal de Natal dos termos da decisão, uma vez que, conforme informação do Ministério Público, o edital de licitação encontra-se naquela Casa Legislativa para apreciação.

> AMEs FECHADAS

Campanha 'Caminhos da Otorrinolaringologia' Prefeitura retoma expõe ouvido, nariz e boca gigantes em Natal atendimento básico em 5 de novembro

Uma das maiores atrações da Cientec, exposição de Ciência, Tecnologia e Cultura da UFRN, diz respeito à campanha nacional da Associação Brasileira de Otorrinolaringologia, que trouxe para Natal a oportunidade de um passeio pelo corpo humano através de três superestruturas infláveis, simulando uma boca, um nariz, e uma laringe gigantes. Representando a quarta especialidade em atendimentos médicos no País, a otorrinolaringologia trata de problemas referentes aos três órgãos, que podem atingir todas as faixas etárias. A campanha 'Caminhos da Otorrinolaringologia' tem como objetivo conscientizar a população sobre os principais cuidados com os ouvidos, o nariz e a garganta, além da prevenção de doenças que acometem esses órgãos do corpo humano. A iniciativa está percorrendo todo o Brasil, chegando à capital potiguar nesta sexta-feira. A carreata ficará em exposição no campus universitário até domingo (28), das 9h às 22h. O evento conta também com um espaço para teste de olfato, palestras, atrações de entretenimento e o esclarecimento de dúvidas com otorrinolaringologistas. De acordo com o otorrino Fábio Lorenzetti, assessor da coordenação nacional da campanha, o público poderá conhecer a fisiologia e as principais doenças que afetam estas áreas. "Queremos divulgar para a população como é a anatomia e como funcionam esses órgãos para que ela entenda e possa preservar melhor sua própria saúde. Mostraremos também tudo o que um otorrinolaringologista faz, médico capacitado para fazer diagnósticos que comprovam os problemas que envolvem o nariz, ouvido e garganta. Tem pessoas que tem um problema de voz, por exemplo, e não sabem a quem procurar", explica Dr. Fábio Lorenzetti. A população que visitar a exposição poderá 'viajar' por toda a estrutura interior de cada um desses órgãos, além de conhecer seu funcionamento e os principais males que acometem a saúde através deles. O público poderá ainda conferir com os médicos se o volume de seus aparelhos de mp3 e celulares está adequado para manter a saúde auditiva. Além disso, o teste do olfato convida os participantes a testarem o olfato com os cheiros que saem de dentro de uma caixa surpresa.

Wellington Rocha

Exposição atraiu a atenção dos visitantes que ‘viajaram’ pela estrutura interior dos órgãos para conhecer o funcionamento deles AÇÃO PREVENTIVA AAssociação Brasileira de Otorrinolaringologia, com o apoio da Academia Brasileira de Laringologia e Voz, busca levar à população leiga os problemas que envolvem os órgãos do nariz, ouvido e garganta. Dados da Organização Mundial de Saúde (OMS) apontam que 30% a 35% das perdas auditivas são causadas por exposição a sons intensos e 70% da população mundial respira de forma errada. Já a voz, uma das funções mais utilizadas no dia-a-dia, não é muito preservada. "Hoje em dia as pessoas estão mais relapsas com os cuidados da saúde. Muitos, por exemplo, costumam usar fones de ouvido muito alto e isso no futuro pode ocasionar numa perda auditiva induzida. Então, nosso objetivo é o de conscientizar, de evitar que esses problemas ocorram com tanta intensidade", disse o assessor da campanha. Em relação aos problemas do nariz, Fábio Lorenzetti aponta casos comuns que poderiam ser tratados clinicamente, mas que passam despercebidos pela população. "É muito comum vermos pessoas que estão com o nariz congestionado e, para aliviar, vão à farmácia e compram um remédio para desobstruir a via respiratória. Isso realmente surte efeito, mas com o tempo o remédio pode deixar a via inflamada e o usuário ficar viciado no componente", disse o otorrino. "Nesses casos, é importante que

a pessoa procure um otorrino para fazer um diagnóstico, pois pode ser que ele tenha uma rinite, uma sinusite, desvio dicéptico, enfim, vários problemas que podem causar a obstrução e podem ser resolvidos com um simples tratamento clínico. O ideal é que a pessoa não fique se automedicando", alerta. Para o médico otorrinolaringologista Pedro Cavalcanti, coordenador local da campanha, é importante que as pessoas atentem também para os cuidados com a voz, principalmente em relação à rouquidão. "Nós chamamos atenção para que as pessoas que apresentam rouquidão por mais de três semanas procurem um otorrino. O Brasil é um dos campeões mundiais de câncer de laringe, apresentando 15 mil casos por ano e mortalidade de aproximadamente 8 mil casos", disse. Natal é a 16ª cidade a receber a campanha "Caminhos da Otorrinolaringologia, que finalizará sua passagem pelo País em Recife, no mês de novembro. "Natal tem sido bastante atuante nas ações da Associação Brasileira de Otorrino. Termos esse espaço na Cientec, a maior feira de ciência e tecnologia do NorteNordeste, é um motivo de orgulho para toda a Associação. Serão mais de 80 mil pessoas circulando por aqui, que terão conhecimento sobre a otorrinolaringologia e de como ela é importante para a qualidade de vida da população", afirma Pedro Cavalcanti.

ESTANDE DO HOSPITAL UNIVERSITÁRIO NA CIENTEC EXPÕE CENÁRIO DE UMAUTI O funcionamento das Unidades de Terapia Intensiva (UTIs) é desconhecido por muitas pessoas que já precisaram passar por elas, seja como paciente ou como acompanhante. Para familiarizar a comunidade com um ambiente de UTI, o estande do Hospital Universitário Onofre Lopes (Huol) disponibiliza durante a Cientec um espaço com equipamentos e orientações sobre as unidades. "A intenção do Hospital é mostrar a população e aos estudantes como funciona a UTI. Quais são os aparelhos, como é o procedimento adotado pelos profissionais. A gente percebe que as pessoas ficam muito angustiadas quando o caso clínico de um familiar é tratado nas Unidades de Terapia Intensiva. Muitas vezes já acham que é caso de morte. Por isso, esse espaço foi pensado para esclarecer o tratamento que é dado ao paciente", disse Ana Cristina, enfermeira residente do HUOL. Os visitantes do estande são orientados sobre assuntos como as visitas na UTI, materiais que podem ser levados para os pacientes e sobre a equipe multifuncional, que é composta por assistentes sociais, enfermeiros, farmacêuticos, nutricionistas, entre outros. O estande ainda oferece serviços como verificação da pressão arterial e da glicemia para adultos.

No primeiro dia após o interventor entregar os três Ambulatórios Médicos Especializados (AMEs), de Brasília Teimosa, Nova Natal e Planalto, à Prefeitura de Natal, as pessoas que procuraram atendimento nas unidades se depararam com as portas fechadas. A Secretaria Municipal de Saúde havia informado que o atendimento médico especializado dos AMEs seriam transferidos para as quatro policlínicas da cidade, mas que o atendimento básico, como clínica médica, ginecologia, curativos, vacina, continuaria sendo realizado nos AMEs. No AME de Brasília Teimosa apenas um cartaz informava a população a respeito do futuro da unidade. Não havia nenhum guarda municipal no local. O aviso diz que o atendimento à popula-

ro da Silva ficou surpreso com o fechamento da unidade de saúde. Ele conta que sempre que procurou atendimento no AME foi bem recebido e tinha suas consultas marcadas sem muita demora. Hoje pela manhã, ele, que mora em Mãe Luzia, procurou o AME de Brasília Teimosa em busca de atendimento odontológico. "Isso aqui ter fechado é muito ruim. Agora vou ter que me deslocar para a Ribeira e o atendimento lá é demorado", disse Pedro. Ricardo Alexandre da Silva Costa era outro usuário assíduo dos serviços do AME de Brasília Teimosa. Hoje ele, que foi buscar informação a respeito de uma consulta para sua mãe, foi mais um surpreendido com o fechamento da unidade. "Não sabia de nada. Acho que foi um

No AME de Brasília Teimosa apenas um cartaz informava à população sobre o futuro da unidade.

ção se dará a partir do dia 5 de novembro e que foi suspenso "por necessidade de organização dos serviços para oferecer um melhor atendimento à população". O interventor judicial Marcondes Diógenes, que desde junho está à frente da Associação Marca, investigada na Operação Assepsia, concluiu nesta quinta-feira (25), quando encerrou o contrato, o repasse das unidades ao Município. A Marca continua, através do interventor, à frente da gestão da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do Pajuçara, até o dia 7 de dezembro, quando uma nova Organização Social (OS) deverá assumir o controle da unidade. O aposentado Pedro Ribei-

grande desrespeito com a população. Um serviço tão bom não poderia acabar", afirmou. Carlos José de Oliveira também lamentou o fechamento da unidade. "Era tão bom o atendimento aqui, e agora vamos ser jogados para outro local e teremos que disputar uma vaga. Tomara que o próximo prefeito faça algo melhor pela saúde da nossa cidade, até porque pior do que está não tem como ficar", desabafou o morador de Brasília Teimosa. A reportagem de O Jornal de Hoje tentou, inúmeras vezes, entrar em contato com a assessoria de imprensa da Secretaria Municipal de Saúde, mas não obteve resposta.


Economia

Sexta-feira

HOJE na Economia MARCOS AURÉLIO DE SÁ

administracao@jornaldehoje.com.br

Ecocil realiza feirão de imóveis novos direcionado para servidores públicos n Os funcionários públicos federais, estaduais ou municipais do Rio Grande do Norte terão neste final de semana oportunidade de adquirir a moradia própria em condições especiais de preço e prazo. n Isto irá acontecer numa grande feira imobiliária que o grupo Ecocil promoverá em Natal, em sua Central de Vendas, às margens da rodovia BR-101 (ao lado do Supermercado Makro), a partir das 9:00 horas deste sábado, prolongando-se por todo o domingo. n Serão disponibilizados apartamentos de 1, 2, 3 e 4 quartos com parcelas a partir de R$ 368,00 (no condomínio "Ecogarden"); vales-compras de até R$ 10 mil na loja Etna (para mobiliar e decorar os imóveis (válidos para os empreendimentos "Porto Arena" e "Central Park"); um ano de condomínio grátis e zero de entrada (para quem adquirir apartamentos no "Porto Arena", "Spazzio Senna", "Central Park" e "Ecopark"); e unidades do "Spazzio Senna" 100 por cento financiadas. n Com mais de 60 anos no mercado da construção civil do Rio Grande do Norte, a Ecocil é hoje a empresa líder em imóveis residenciais na grande Natal, onde tem conquistado todos os prêmios "top of mind" nos últimos onze anos, sendo brindada, por último, em São Paulo, com o prêmio "Master Imobiliário", o mais importante do setor de construção no país. Governo Rosalba inicia distribuição de forragens para animais de micropecuaristas n Num programa coordenado pela Secretaria Estadual da Agricultura, através da Emater-RN (Instituto de Assistência Técnica e Extensão Rural), o governo do Estado iniciou na manhã de hoje a distribuição de volumosos para atenuar a fome de bovinos, caprinos e ovinos pertencentes a microprodutores rurais afetados pela seca em 18 - dos 139 - municípios do semiárido onde a situação é mais crítica. n Segundo o secretário Betinho Rosado, a ação Forum do Corretor voltado para utilização da internet n Tendo como tema "Internet: Principal Aliada dos Negócios", será realizado em Natal, no dia 22 de novembro, o Forum do Corretor Imobiliário, que contará entre seus palestrantes com Gustavo Zanotto (gerente-geral de Mídia Online da TV1, de São Paulo, e responsável pela mídia digital da construtora Cyrela) e Guilherme Machado, executivo do mercado com 15 anos de atuação no desenvolvimento de equipes de vendas no Estado do Espírito Santo. n O evento objetiva estimular nos agentes do mercado imobiliário potiguar a busca pelo conhecimento e incentivá-los a oferecer aos clientes serviços com maior segurança e qualidade, passando a utilizar sempre mais as redes sociais como ferramenta de trabalho.

faz parte do conjunto de estratégias de convivência com a estiagem prolongada. n A partir de segunda-feira serão beneficiados os criadores do entorno de Caicó e de Mossoró. Nos municípios restantes, as datas do início do programa serão definidas no decorrer da próxima semana, com a distribuição das forragens (palha de milho e sorgo) passando a ser feita através de postos a serem instalados nas cidades de Assu, São Paulo do Potengi, Umarizal, Serrinha, Santa Cruz, Currais Novos, Pau dos Ferros, João Câmara, Afonso Bezerra, Caraúbas, Florânia, Frutuoso Gomes, Lajes, Passa e Fica e São Tomé. n Com prazo de duração de 90 dias, o programa de socorro custará R$ 2,6 milhões - recursos do Ministério da Integração Nacional - e deverá atingir cerca de 3,4 mil microcriadores (assim considerados os proprietários de até 10 cabeças de bovinos ou de até 35 caprinos), selecionados com base no cadastro da Conab. Coohotur e Abih-RN investem em agentes da Flytour para que nos enviem mais turistas n A Cooperativa de Desenvolvimento da Atividade Hoteleira e Turística (Coohotur), com apoio da Abih-RN (seccional da Associação Brasileira da Indústria de Hotéis), promoverá em São Paulo entre os dias 29 e 31 do corrente uma ação de promoção e capacitação exclusiva para agentes de viagens vinculados à operadora Flytour. n O trabalho será feito com o objetivo de mostrar ao emissores das agências da capital e principais cidades do interior paulista os atrativos do turismo potiguar e, com isso, estimulá-los a vender mais pacotes turísticos que incluam Natal como destino. n O presidente da Coohotur, Sérgio Gaspar, o presidente da Abih-RN, Habib Chalita, e mais representantes da Emprotur (Empresa de Promoção Turística do RN) e de 20 hotéis de Natal, Tibau do Sul e Mossoró participarão diretamente dessa ação.

Phoenix prepara lançamento do "Bosque das Colinas 3" n A empresa Phoenix Empreendimentos, especializada em loteamentos residenciais, irá lançar durante a "Semana de Oportunidades Imobiliárias" - que acontecerá no Shopping Via Direta, em Natal, a partir da próxima quarta-feira - o empreendimento "Bosque das Colinas 3", localizado às margens da BR-101, a poucos minutos da cidade de Parnamirim, no município de São José de Mipibu. n O loteamento será constituído de 2.395 lotes residenciais e fica ao lado do "Bosque das Colinas" (1.882 lotes), que foi totalmente comercializado em apenas três meses. n Os lotes, em ruas asfaltadas e com iluminação pública, terão preços a partir de R$ 39,8 mil, para pagamento a prazo com parcelas mensais que podem ficar abaixo de R$ 200,00. Cadastro positivo beneficia as micro e pequenas empresas n Na avaliação dos consultores do Sebrae Nacional, as micro e pequenas empresas que são boas pagadoras passarão a ter, a partir de 2013, mais facilidade para conseguir crédito bancário com taxas de juros reduzi-

das, graças à entrada em vigor da Lei 12.414/11, que cria o "Cadastro Positivo" um banco de dados com o histórico de pagamentos de empresas e pessoas físicas em todo o país. n Uma das principais causas que hoje leva o sistema financeiro brasileiro a operar cobrando taxas de juros absurdamente elevadas e sempre fazendo exigência de muitas garantias para os financiamentos é o alto risco de inadimplência, uma vez que não existem cadastros confiáveis de bons pagadores à sua disposição. n Com a vigência da legislação que cria o banco de dados de bons pagadores, um dos segmentos empresariais mais favorecidos pela medida deverá ser o dos micro e pequenos empreendedores, o qual geralmente recorre a empréstimos de quantias modestas e hoje quase não encontra portas abertas na rede bancária, pois esta - em função do alto risco do crédito para as micro-operações prefere não atendê-lo, uma vez que se torna antieconômico promover a avaliação individual da capacidade de pagamento de cada cliente dessa área.

Natal, 26 de outubro de 2012

O Jornal de HOJE 7

JH completa 15 anos em defesa da livre iniciativa LÍDERES RESSALTAM LINHA EDITORIAL E OUSADIA DO JORNAL "O aniversário de 15 anos de qualquer empresa neste país, gerando emprego e renda para o nosso povo, é motivo para comemorarmos. Quando esta empresa é um veículo de imprensa, combativo, aguerrido e comprometido com a defesa de toda a livre iniciativa potiguar, como é o caso de O JORNAL DE HOJE, esta comemoração precisa ser redobrada. Quero registrar meus cumprimentos a toda a equipe deste valoroso jornal, na pessoa do empresário e jornalista Marcos Aurélio de Sá, que já deu inúmeras mostras do seu potencial empreendedor, ao longo de toda a sua vida". Assim, o presidente do sistema Fecomércio RN, Marcelo Fernandes de Queiroz, saudou o aniversário de 15 anos do JH, comemorado na próxima quarta-feira, 31. Em sua mensagem, o empresário registrou um sentimento comum às demais personalidades ouvidas e que resumiram um sentimento sobre os 15 anos do JH: o da luta obstinada pela livre iniciativa. Foi nesse mesmo sentido que o superintendente do Sebrae/RN, Zeca Melo, pautou seu comentário. Ele, que se encontra hoje no Rio de Janeiro, disse por telefone que a linha editorial do JH tem tudo a ver com a defesa da micro e pequena empresa. "Por isso mesmo, tem tudo a ver com o que acredita o Sebrae em sua luta nas últimas duas décadas", afirmou Melo. O presidente do Sindicato da Indústria da Construção Civil no RN, Arnaldo Gaspar Júnior, também enviou nota comentando os 15 anos do JH. "Ao longo da história, a imprensa brasileira tem sido uma grande aliada na defesa dos interesses maiores do país. No Rio Grande do Norte, merece destaque e parabéns o trabalho realizado pel’O JORNAL DE HOJE". Disse ainda Arnaldo Gaspar: "São quinze anos fazendo um jorna-

Fotos: Divulgação

Marcelo Queiroz: “Veículo combativo”

Edivan Martins: “JH nasceu ousado”

Superintendente do Sebrae, Zeca Melo

Arnaldo Júnior: “Vitoriosa trajetória”

lismo de qualidade, sempre defendendo o desenvolvimento do estado, a liberdade, os cidadãos e a iniciativa privada. Por isso mesmo, desejo vida longa ao jornal e votos de que continue fiel aos ideais que nortearam, desde o princípio, a sua vitoriosa trajetória". O presidente da Câmara Municipal, Edivan Martins, destacou a importância do impresso como um

veículo engajado às grandes causas populares da cidade, cobrindo assuntos do dia-a-dia e dedicando espaço para debates de relevância na comunidade, seja sob o aspecto da segurança pública ou da economia. "O JH nasceu ousado e chega ainda jovem a seus 15 anos, mostrando todo o seu compromisso com a comunidade e a competência de seus profissionais".


8 O Jornal de HOJE

Natal, 26 de outubro de 2012

Sexta-feira

CMYK


Cidade

Sexta-feira

Natal, 26 de outubro de 2012

O Jornal de HOJE 9

Herácles Dantas

Apagão desta madrugada afeta estados do Nordeste e Norte do País PROBLEMA PREJUDICOU ABASTECIMENTO DE ÁGUA EM VÁRIAS REGIÕES DA CAPITAL E MOSSORÓ O apagão que afetou estados do Norte, Nordeste e Centro-Oeste do País no final da noite desta quinta-feira deixou todos os municípios do Rio Grande do Norte sem energia elétrica por aproximadamente três horas. De acordo com informações da Companhia Energética do Rio Grande do Norte (Cosern), o Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS) ainda não soube dizer a causa do desligamento das linhas de transmissão. A ocorrência no Sistema Interligado Nacional (SIN) teve início às 23h14 de ontem. Sobre a manutenção do sistema, a Cosern disse que a recomposição gradativa das cargas começou por volta das 02h45 desta sexta-feira. É a segunda vez, em pouco mais de um mês, que um apagão afeta a região Nordeste. Em 22 de setembro, segundo a ONS, um problema nas interligações Sudeste/Norte e Sudeste/Nordeste, atingiu o fornecimento de energia elétrica em parte do Nordeste brasileiro. Diversos segmentos do Estado foram prejudicados com o apagão. A Companhia de Água e Esgotos do Rio Grande do Norte (Caern) foi uma das que sofreu com o ocorrido. De acordo com nota enviada pela assessoria de imprensa da Caern, instalações da Companhia que possibilitam o abastecimento de água em várias regiões da capital foram danificadas. A parte mais prejudicada pela falta de energia prolongada durante a madrugada é a que começa no bairro Morro Branco e termina na Ribeira. Ainda segundo a nota, a Adutora do Jiqui, uma das estruturas da Caern, foi a mais atingida. Ontem, a unidade passou por manutenção das 8h às 21h, e menos de três horas após ter voltado a entrar em operação o sistema foi paralisado pela queda de energia. As poucas horas de bombeamento não foram suficientes para deixar a unidade cheia. Em Mossoró, a gerência da Caern informa que o abastecimento da cidade está funcionando, mas há possibilidade de faltar água nas partes dos bairros mais altos da região, como Paredões, Alto de São Manoel, Bom Jardim, Planalto 13 de Maio e Inocoop. De acordo com gerente Nehilton Barreto, 16 poços paralisaram a produção de água, o que representa 7,5 milhões de litros de água que deixaram de ser bombeados.

que comprometesse o andamento das eleições nos municípios potiguares. A rede de distribuição de energia elétrica que atende os principais pontos de votação foi inspecionada e passou por serviços de manutenção preventiva antes do início do processo eleitoral deste ano.

Segundo a Cosern, o Operador Nacional do Sistema Elétrico ainda não soube dizer a causa da interrupção de energia

REDE HOSPITALAR DO ESTADO NÃO FOI PREJUDICADA A rede hospitalar da Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sesap), segundo informações da assessoria, reagiu dentro do esperado durante a ocorrência do blecaute. Nos maiores hospitais como Walfredo Gurgel, Hospital Santa Catarina, Hospital Giselda Trigueiro, Hospital Pediátrico Maria Alice Fernandes e o Hospital Deoclécio Marques, a energia elétrica foi reabastecida com o funcionamento de geradores. Na madrugada desta sexta-feira, o tempo de resposta desses geradores foi menos de 30 segundos, tornando os serviços das unidades hospitalares possíveis de serem realizados durante o apagão. COSERN ANUNCIA ATENDIMENTO ESPECIAL PARA 2º TURNO DAS ELEIÇÕES A Companhia Energética do Rio Grande do Norte (Cosern) disponibilizará atendimento especial durante a realização do segundo turno das eleições em Natal, que ocorrerá neste próximo domingo, para garantir a normalidade do fornecimento de energia elétrica na capital. O Centro de Operações e Informação (COI), responsável pela operação do sistema elétrico da Companhia, estará apto a adotar todas as providências necessárias caso ocorra alguma eventualidade no dia do pleito eleitoral. Durante a realização do primeiro turno, não houve registro de ocorrência de falta de energia

CMYK


10 O Jornal de HOJE

Cidade

Natal, 26 de outubro de 2012

Sexta-feira

Três assassinatos num intervalo de 7 horas UMA

DAS VÍTIMAS,

LUÍS FERNANDES MARQUES,

FOI MORTA DURANTE DISCUSSÃO, NA ZONA PortalBO

ALESSANDRA BERNARDO REPÓRTER

Dois adolescentes e um homem foram assassinados em um intervalo de sete horas, no Rio Grande do Norte. Os crimes, ocorridos na Região Metropolitana de Natal e em Mossoró, foram cometidos por desconhecidos que fugiram logo após os assassinatos. Uma das mortes aconteceu durante o apagão que atingiu todo o Nordeste e dois Estados do Norte do país e, por causa disso, o corpo da vítima só foi resgatado pelo Instituto Técnico-Científico de Polícia do Rio Grande do Norte (Itep/RN) no início da manhã de hoje. O crime aconteceu por volta das 3 horas, em um estabelecimento comercial no conjunto Santa Catarina, na zona Norte de Natal. A vítima, identificado como Luís Fernandes Marques, tinha 26 anos e foi morta com vários golpes de facapeixeira nas costas e abdome, desferidos por um homem com quem o morto havia tido uma discussão momentos antes. Segundo o oficial de serviço do 4º Batalhão da Polícia Militar, os dois envolvidos estavam bebendo juntos em um bar, quando se desentenderam e passaram a discutir. Apesar do apagão, ainda havia pessoas no local no momento do crime, mas nenhuma delas soube

Deimerson Dantas, 17 anos, segundo informações da Polícia Militar, se preparava para fazer assalto quando foi baleado informar como teria começado a confusão entre a vítima e o assassino. Logo após o crime, o acusado fugiu do bar e as pessoas que estavam presentes ainda tentaram socorrer Luís Fernandes, acionando o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), entretanto, ele não resistiu à gravidade dos ferimentos e morreu antes que pudesse receber ajuda.

Com a chegada da Polícia Militar e a constatação da morte da vítima, os peritos do Itep/RN foram chamados, mas, por causa das complicações causadas pelo apagão, eles só conseguiram chegar ao local já no início da manhã de hoje. O oficial de serviço explicou que o corpo só foi removido por volta das 6h, ou seja, cerca de três horas após o crime. O caso foi comunicado à Polícia Civil, que deve in-

vestigar o homicídio. O segundo crime da noite ocorreu no bairro de Bela Parnamirim, na Região Metropolitana de Natal. Conforme o oficial de serviço do 3º Batalhão da Polícia Militar, tenente Carlos Farias, a vítima teria tentado praticar um assalto a um estabelecimento comercial juntamente com um comparsa, que foi baleado. No entanto, quando se prepa-

NORTE

ravam para abordar os comerciantes, teriam sido surpreendidos por motoqueiros armados, que efetuaram os disparos contra a dupla e fugiram em seguida. Deimerson Dantas da Silva, 17 anos, foi atingido por vários tiros e não resistiu, morrendo no local. Já seu comparsa, outro adolescente, foi baleado sem gravidade e encaminhado para o Hospital Walfredo Gurgel. O corpo da vítim foi encaminhado para a sede do Itep/RN, no bairro da Ribeira, onde passou por procedimento de necropsia. Familiares do jovem foram ao local do crime ontem à noite logo após o homicídio, que aconteceu por volta das 19h, e lamentaram o fato dele ter se envolvido com o mundo do crime, a ponto de perder a vida. A Polícia Militar ainda realizou diligências por toda a região próxima ao local da morte, para tentar identificar e prender os acusados, mas nãoconseguiu localizar ninguém. O caso foi registrado na delegacia de Parnamirim, que irá investigar o assassinato e a tentativa de homicídio. O comparsa de Demerson continua internado sob custódia policial e não corre risco de morte. EXECUÇÃO EM MOSSORÓ Um rapaz de 17 anos foi asssassinado com vários disparos de arma de fogo ontem à noite, por

DE

NATAL

volta das 19h30, no bairro do Alto São Manoel, em Mossoró. Testemunhas revelaram aos policiais que atenderam a ocorrência que dois homens em uma motocicleta Honda Pop se aproximaram da vítima e efetuaram os tiros, que acertaram a cabeça dela. De acordo com informações da Polícia Militar, Lucas Gabriel Bezerra estava caminhando pela Rua Delfino Leite, próximo à sua residência, quando foi surpreendido pelos acusados que já chegaram atirando contra o rapaz. Ele não teve chance de defesa e morreu ainda na calçada, antes que recebesse atendimento médico. Após os disparos, os acusados teriam fugido em alta velocidade, tomando rumo ignorado. Testemunhas que estavam na rua no momento do crime ligram para o Ciosp alertando sobre o crime. Várias viaturas foram enviadas até o local, mas as pessoas não souberam dar detalhes sobre os bandidos. Ainda assim, foram realizadas diligências em toda a região próxima ao local do crime, mas até a manhã de hoje, ninguém havia sido identificado ou preso. O corpo da vítima foi removido para a sede do Itep/RN em Mossoró e deve ser liberado para a família, para sepultamento, ainda hoje. O caso foi registrado na Delegacia de Homicídios (Dehom).

> EM ASSU

PM salva taxista e cliente de sequestradores Três homens foram presos em flagrante por policiais do 10º Batalhão após terem roubado um veículo de aluguel na cidade de João Câmara, ontem à noite. Durante a ação criminosa, eles raptaram duas pessoas que estavam no automóvel e as liberaram no município de Assu, onde passaram a ser perseguidos pelos militares. A suspeita é que eles planejavam assaltos na região. Segundo o soldado do 10º BPM, Fabierson Alexsandro, as duas vítimas estavam dentro do veículo parado em uma rua de João Câmara, quando foram abordadas pelos acusados, identificados como Francisco Josivan da Silva Paiva, 19 anos; Antônio Carlos Pereira do Nascimento, 20 e um adolescente de 17 anos. Armados, eles exigi-

ram que os dois fossem para a parte de trás do carro e não esboçassem reação. A partir daí, os acusados saíram da cidade em direção à região Oeste do Estado. Quando estavam entre os municípios de Paraú e Assu, eles abandonaram o taxista Fábio Silva de Souza e o universitário Kléber Raimundo de Andrade, que alertaram a Polícia Militar sobre o veículo roubado e a direção seguida pelos ladrões. "O taxista ligou para a Polícia e disse que ele e seu cliente tinham sido raptados por três homens armados e que estes haviam abandonado as duas vítimas na rodovia estadual RN-233. De lá, seguiram viagem em direção a Assu. Assim, equipes da PM iniciaram as diligências em busca dos bandidos e do

veículo roubado", explicou o soldado Fabierson. Com indicações sobre o paradeiro dos três criminosos e os dados sobre o veículo roubado, os policiais militares seguiram na direção apontada pelas testemunhas e, já entre os municípios de Mato Grande e Janduís, conseguiram interceptar e identificar os criminosos. Eles ainda tentaram fugir do cerco policial, mas não conseguiram. "Eles foram rendidos e encaminhados para a delegacia da cidade de Campo Grande, onde foram ouvidos rapidamente e autuados em flagrante por sequestro de duas pessoas e o roubo do veículo. Lá, descobrimos que um dos três acusados era menor de idade e os outros dois tinham 19 e 20 anos, apenas", afirmou o soldado Fabierson.

Após a autuação em flagrante, o veículo roubado pelo trio, um Classic cor de vinho, foi devolvido ao taxista Fábio Silva de Souza. Os dois homens foram encaminhados para uma unidade prisional provisória e o adolescente, para um centro de internação para jovens em conflito com a lei. PM FRUSTRA SEQUESTRO RELÂMPAGO EM NATAL A Polícia Militar está procurando dois homens acusados de sequestro relâmpago contra um rapaz ontem à noite, quando este chegava à casa da namorada no bairro de Igapó, na zona Norte de Natal. A jovem presenciou o momento em que a vítima foi abordada pelos bandidos e ligou par o Centro Integrado de Operações em Segura-

na Pública (Ciosp), que mobilizou várias viaturas na captura dos criminosos. Conforme informações do 4º Batalhão da Polícia Militar, a vítima, que pediu para não ser identificada, estava estacionando seu veículo em frente à residência da namorada, quando foi surpreendido por dois homens armados, que o obrigaram a seguir com eles, sob ameaças de morte. Ao passarem próximo à estação Nordelândia, em Nova Natal, os bandidos foram inteceptados pelos militares e fugiram em alta velocidade, atirando contra as viaturas. Em um determinado momento, eles perderam o controle do veículo e colidiram contra o muro de uma residência, sendo encurralados pelos policiais.

No entanto, a forte chuva que caía no momento e a escuridão provocada pelo apagão atrapalhou o cerco policial e os dois bandidos conseguiram fugir, tomando rumo ignorado. A vítima do sequestro relâmpago foi resgatada sem ferimentos e encaminhada para a Delegacia de Plantão da zona Norte, onde prestou depoimento ao delegado plantonista. Lá, o homem reconheceu os acusados através do catálogo policial. Com as informações repassadas pela vítima, os policiais militares iniciaram diligências em busca dos dois acusados, em toda região por onde eles escaparam. A suspeita é que os bandidos planejavam roubar o carro para cometer crimes na cidade, conforme o depoimento da vítima.

> ZONA NORTE SEGURA

Operação apreende cartões e recupera carro A Secretaria da Segurança Pública e da Defesa Social do Rio Grande do Norte deflagrou ontem a Operação Zona Norte Segura, com barreiras montadas em doze pontos, além do patrulhamento ostensivo. Policiais militares do 4º Batalhão coordenaram a ação, que contou com auxílio do Batalhão de Polícia de Choque (BPChoque), Rondas Ostensivas com Apoio de Motocicletas (Rocam), Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope) e policiais civis. O trabalho começou às 16 horas e seguiu até as 22 horas. O resultado foi a prisão de um homem com cerca de trinta cartões de crédito de terceiros. O acusado foi au-

tuado em flagrante delito na Delegacia de Plantão da Zona Norte. Um veículo Corsa que havia sido roubado foi recuperado na avenida Pompeia, após seu condutor não obedecer a ordem de parar numa barreira montada pela PM. Ele foi perseguido e, ao ser abordado, ficou constatada a irregularidade. O motorista foi autuado em flagrante e o automóvel apreendido. A Operação foi coordenada pelo comandante do 4º Batalhão da Polícia Militar, major Manoel Kennedy Nunes do Nascimento, e acompanhada pelo secretário de Estado da Segurança Pública e da Defesa Social, Aldair da Rocha; comandante geral da Polícia Militar,

coronel Francisco Canindé de Araújo Silva e pelo delegado geral de Polícia Civil, Fábio Rogério Silva. O secretário Aldair da Rocha voltou a ressaltar a importância desse tipo de trabalho: “Fizemos recentemente operações semelhantes em Parnamirim e na zona Oeste. Hoje, estamos na zona Norte. A intensificação do policiamento, a presença mais maciça das forças policiais inibe a criminalidade e proporciona uma maior sensação de segurança à população”. Para o coronel Araújo, além do policiamento diário feito pela PM em todo o Estado, as operações que passaram a ser desencadeadas servem como um reforço ao trabalho

incessante da Sesed. “Todos nós, integrantes das forças policiais, estamos comprometidos em trabalhar em prol da nossa sociedade e faremos isso sem cansar, de forma ágil, dando uma pronta resposta aos anseios dos cidadãos e cidadãs”. O delegado Fábio Rogério apontou a integração entre as polícias como um ponto essencial para o combate à criminalidade. “Nesta operação de hoje, por exemplo, temos equipes de várias delegacias, inclusive especializadas, com delegados e agentes. Estamos todos unidos no mesmo objetivo, de levar mais segurança aos populares”. (Assessoria de Imprensa da Sesed)

Assessoria de Imprensa da Sesed

Um dos pontos das barreiras de ontem foi perto do ‘caju’, no bairro da Redinha


Cidade

Sexta-feira

Natal, 26 de outubro de 2012

O Jornal de HOJE 11

Alex Medeiros alex.medeiros1959@uol.com.br

Aberração constitucional O voto obrigatório é uma excrescência. Um engodo fabricado pelos partidos de direita, de centro e de esquerda; um atentado à democracia e à cidadania, praticado pelas instituições que deveriam respeitar a Constituição e os valores republicanos no Brasil. A campanha publicitária que a Justiça Eleitoral veicula na TV é uma mentira, uma mensagem ilusória tão desprovida de verdade quanto as cantilenas diárias de pastores e padres nos templos comerciais que desvirtuam as palavras do próprio Jesus Cristo. Quando ouço o locutor da propaganda dizer que o TSE é o "tribunal da democracia", me vem à lembrança o desaforo do personagem Vavá, interpretado por Luiz Gustavo no sitcom "Sai de Baixo". A vontade que dá é gritar no vídeo, "Aqui, Farroupilha!!!". O simulacro de liberdade cidadã no famigerado voto obrigatório é fruto de uma enorme cumplicidade entre políticos de todos matizes ideológicos, magistrados, promotores e até a própria imprensa. Todos defendem sua manutenção, cada um com seus motivos. Se há um "tribunal da democracia" num regime republicano, este é, deveras, o Congresso Nacional, ou então, em circunstâncias extraordinárias, o Supremo. Nas grandes nações democráticas, nem mesmo existe a dispensável justiça eleitoral. Toda a legislação eleitoral em vigor no Brasil é um caldeirão de aberrações jurídicas, um conjunto de obrigações paradoxais diante de um sistema político que se diz e se quer livre e democrático. E o pior: os únicos culpados por isso são os parlamentares. Criada e aprovada no Congresso, onde é remendada ano após ano e alinhavada pelas agulhas da interpretação a granel dos juízes, a Lei eleitoral não contribui como deveria com o desenvolvimento do processo das eleições no país, muito pelo contrário. Aliás, por falar em costura, a legislação eleitoral parece mais com o sudário que Penélope tecia e desmanchava e jamais o entregava a Laerte, o pai do marido Ulisses. E pensar que a Constituinte de 1988 foi cerzida pela esperança de um outro Ulysses. A atual Lei que rege as eleições virou uma col-

COINCIDÊNCIA

LIXO

DUELO

SIMPATIA

DESATINO

VINGANÇA

Se os números do Instituto Consult baterem direitinho com os votos válidos do TRE-RN, estabelecendo vitória de Carlos Eduardo por 63% a 36%, estarão se repetindo os índices da campanha Wilma versus Fernando Freire para governador em 2002. Uma curiosidade na coincidência desses números é que nas duas vezes Wilma de Faria esteve do outro lado da disputa em relação ao ministro Garibaldi Filho, que sempre disputou com ela a condição de líder mais popular do Estado até o duelo de 2006.

cha formada por retalhos de hipocrisia, engessando toda a liberdade de comunicação dos candidatos, eles próprios parte da categoria que forja os capítulos e incisos de um ridículo manual da censura. Proíbe-se o uso de bonés e camisetas, símbolos maiores da militância partidária que todos sonham um dia existir no espectro sociológico do país. O argumento é de que são brindes, vantagens materiais. Ora, e o que diabos são dinheiro em espécie e tijolos? Na minha dosimetria de leigo e de cidadão violentado pelo voto obrigatório, reduzo a culpa dos juízes e promotores no caso, em que pese a interpretação inquisitorial que acabam tendo no processo. Os grandes culpados são mesmo os deputados e senadores. Não consigo entender como alguém cria leis para atrapalhar a si mesmo. Porque nesse tempo todo de democracia meia-boca, não vi uma só eleição em que partidos e candidatos não passassem por situações vexatórias por causa da legislação em vigor. Quando observamos as maiores democracias do mundo, os países mais desenvolvidos, todos com voto livre e facultativo, com suas eleições sem amarras, com seus debates sem imposições à mídia, fica uma pergunta: eles estão errados e o Brasil está certo? Alguém já se perguntou por que durante as eleições brasileiras, nações como os EUA, Inglaterra, Alemanha, Japão, França, Dinamarca, Itália, Canadá ou até mesmo a Argentina não enviam observadores? Mas não faltam enviados das republiquetas. É um cinismo de políticos, juízes e jornalistas tentar convencer a população de que o voto obrigatório é um direito, uma conquista democrática. Uma ova! É tudo uma aberração levada ao patamar de uma legalidade paralela à Constituição Federal. (AM)

O petralha analfabeto da Câmara Municipal não sabe, mas só dei uns tapas na canabis na juventude, junto com uma reca de petistas à época da fundação do partido. Naquele tempo, o PT ainda não tinha um depósito para receber vereador oriundo do lixo. Novidade na política de Caicó, a fisioterapeuta Francielle Lopes (PPS), que surpreendeu com uma excelente votação em seu debute eleitoral, circulou por Natal terça-feira e foi assediada por muitos natalenses que a reconheceram e lhes parabenizaram.

Com a decisão de ontem do TRE-RN em proibir a campanha de Hermano Morais (PMDB) de usar o grafismo publicitário de uma estrela, por considerar que o símbolo milenar pertence ao PT, nossos juízes anularam em Natal os reis Davi e Salomão.

Tanto o ex-prefeito Carlos Eduardo (PDT) quanto a prefeita Micarla de Sousa (PV) ficaram com um sentimento de justiça das urnas em favor deles. Ambos viram a derrota de vereadores que lutaram na Câmara Municipal para derrubá-los politicamente.

IMAGEM

MALDIÇÃO

DINHEIRO

APAGÃO

Como ninguém no mundo detém o direito autoral sobre a estrela, erram PT, por jactar-se dono da imagem, e justiça eleitoral, por acatar o desatino petista. Aliás, o uso da estrela por Hermano é menos prejudicial ao PT do que na lapela de Fernando Lucena. Logo que saiu a decisão do STF determinando que o governo Rosalba repassasse integralmente o dinheiro do TJ-RN, um magistrado comentou com um colega: "Vamos ver se amanhã tem recado de Carlos Augusto via Obery Rodrigues no Bom Dia RN".

No caso do candidato pedetista, ele não escondeu a satisfação com as derrotas, principalmente, de Edivam Martins (PV) e Enildo Alves (DEM). Já a prefeita gostou do ocorrido com Luiz Carlos (PMDB), Sargento Regina (PDT) e Raniere Barbosa (PRB). E pensar que o PT azucrinou o governo FHC por causa de uns apagõezinhos, ao ponto de jamais ter levado a sério a taxa de prevenção que o tucano criou. Na parceria com o PMDB, os petistas fizeram do apagão o retrato negativo da escuridão gerencial.

A NETA DA DEUSA Desde Grace Kelly, o principado de Mônaco nunca mais havia visto uma estampa feminina com a beleza e o glamour das princesas concebidas nas fábulas. Suas filhas jamais chegaram aos seus pés, até que uma neta cresceu e virou uma das mulheres mais lindas da Europa, a princesa Carlota Casiraghi, 26, segunda filha de Carolina de Mônaco com o empresário italiano Stéfano Casiraghi.

João Ricardo Correia jornalistajoaoricardocorreia@gmail.com / joaoricardocorreia@yahoo.com.br VOTO Não adianta baixar o nível da campanha política na reta final do segundo turno. O eleitor merece respeito e deve ir às urnas de forma consciente e livre. E escolher o melhor para Natal, neste domingo.

CHARGE A 2ª Feira de Livros e Quadrinhos de Natal termina hoje. Entre os destaques do dia, acontece uma mesa redonda, às 20h30, com o cartunista e animador Maurício Ricardo, um dos pioneiros do humor na Internet e criador do site charges.com.br e de animações exibidas em diversos programas de TV, como o Big Brother Brasil. Quem vai dividir o palco com ele são os cartunistas Brum e Ivan Cabral e a conversa vai girar em torno do tema “O desafio da charge”.

VEREADORES Caso seja confirmada a mudança na relação dos vereadores eleitos em Natal, a Câmara Municipal perderá qualidade com as saídas de Raniere Barbosa e George Câmara.

GRIPE A partir da campanha de vacinação de 2013 contra a gripe, o Ministério da Saúde passa a incluir no público-alvo pessoas que têm algumas doenças crônicas não transmissíveis e outras condições que possam favorecer o surgimento de casos graves. O ministério divulgou ontem uma lista determinando em quais casos a vacina é recomendada. As mães até quatro semanas após o parto também terão a vacinação recomendada.

PRONTIDÃO Semelhante ao que ocorreu no 1º turno das eleições municipais em todo o Rio Grande do Norte, a Cosern disponibilizará atendimento especial com reforço das equipes de prontidão e manutenção em localidades estratégicas de Natal para manter a normalidade do fornecimento de energia elétrica no 2º turno das eleições da capital.

GRIPE 2 Em 2012, a recomendação durante a campanha foi para que as pessoas nessas condições se dirigissem aos 48 centros de Referência de Imunobiológicos Especiais (Cries) existentes no Brasil. Agora, esse grupo vai poder tomar a vacina em qualquer uma das 35 mil salas de vacina do Sistema Único de Saúde (SUS), bastando apresentar um atestado médico. Cerca de 6 milhões de pessoas devem se beneficiar com a descentralização.

HIPÓCRITAS O apagão de ontem à noite deixou os seguidores do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso, aquele que chamou os aposentados de vagabundos, todos animados. Os tucanos adoram ver a miséria dos outros. Principalmente dos miseráveis.

RABECÕES Os quatro novos rabecões – veículos usados para transporte de cadáveres – do Itep estarão circulando em poucos dias. Os veículos já estão emplacados, equipados, adesivados, prontos para uso. CARÁTER Não merece espanto o fato de um promotor de Justiça ter sido flagrado, segundo acusação do Ministério Público, pedindo ‘bola’ de R$ 12 mil a um comerciante, em Parnamirim. O caráter não é construído na escola, na faculdade e não depende do salário. Tem muito riquinho com cara de bom menino que prejudica muito mais a sociedade do que um pobre desdentado que toma cachaça todo dia para esquecer a fome, inclusive de Justiça. CONSTATAÇÃO Compromisso com o trabalho é produto em extinção. Daí, esperar por melhorias é uma utopia. Ou muita cara de pau.

DeCalma,virar a cabeça gente! O apagão não foi culpa de Micarla de Sousa!

PRONTIDÃO 2 O Centro de Operações e Informação (COI), responsável pela operação do sistema elétrico da distribuidora, que funciona 24 horas por dia, estará apto a adotar todas as providências necessárias caso ocorra alguma eventualidade no dia do pleito eleitoral.

Divulgação

Sejamos sempre úteis Muita gente espera o fim de semana como se fosse o último de sua vida. E pode até ser, mas os outros dias, chamados úteis pelo calendário comercial, merecem a mesma importância. Acima das datas, dos feriados, dos ‘imprensados’, nós é que precisamos ser úteis. Não estamos aqui por acaso. Cada um tem uma importante missão a cumprir. Devemos apreciar cada momento, degustar cada sensação, sempre respeitando o próximo e sabendo que existe a lei da ação e da reação.


12 O Jornal de HOJE

Natal, 26 de outubro de 2012

Cidade

Sexta-feira GIRO PELO TWITTER ...do senador José Agripino: "Ontem, em Salvador, participei de grande festa com ACM Neto. Registro com a candidata a vice-prefeita, Célia Sacramento";

Daniela Freire POLÍTICA E SOCIAL - DANIELA FREIRE - daniela.freirecosta@yahoo.com.br w PACATO CIDADÃO Mostrando-se confortável em falar sobre o assunto, o candidato a prefeito de Natal Hermano Morais explicou as cenas que estão indo ao ar no programa eleitoral de TV do candidato adversário Carlos Eduardo Alves, onde o peemedebista surge descontrolado e querendo briga com Olegário Passos, quando ambos eram vereadores desta capital, no ano de 2003. >>> Em entrevista concedida ontem à SimTV, Hermano assumiu ter cometido um erro e classificou o episódio como "infeliz". "Aquilo foi um momento, um fato isolado. Mas no meu dia-a-dia, como muitos sabem, sou um cidadão pacato", afirmou. >>> Para Hermano, o sentimento é de alívio por não ter chegado às "vias de fato" com Olegário, a quem chama de "amigo". "Graças a Deus, não houve isso. Mas logo depois nós dois conversamos e até hoje nos damos muito bem", garantiu o peemedebista. w RESSENTIDOS O PP de Natal elegeu cinco vereadores - Rafael Motta, Chagas Catarino, Albert Dickson, Paulinho Freire e Ary Gomes -, formando, juntamente com o PSB, a maior bancada da Câmara Municipal a partir de fevereiro de 2013. >>> Mas... >>> ...nem tudo são flores no ninho progressista. >>> É que os mais de 30 candidatos que sustentaram o quociente eleitoral da bancada sofreram e muito durante a campanha. w ZERO EM ESTRUTURA Motivo: na sede do PP, em Lagoa Nova, além das trocas de chaves divulgadas pela coluna, faltou até toner para a impressora. >>> Mais: o telefone fixo do partido foi cortado também durante a campanha, dificultando até mesmo a comunicação com o TRE, já que as notificações eram recebidas através de fax. >>> Sem falar na cota para comprar água e café... w NOME QUE ECOA... O responsável por isso? O presidente regional da legenda, Sérgio Andrade, que acabou perdendo para vereador em Parnamirim. >>> O comentário dos suplentes do PP é que estão "revoltados" com a "falta de infraestrutura para os candidatos do partido".

Márlio Forte

Bobflash

...do jornalista, analista político e consultor de comunicação Gaudêncio Torquato: "Impressionou número de votos brancos e nulos: 17% em SP e beirando 15% em muitas capitais. Segundo turno poderá ter mais nulos e brancos"; ...do ex-secretário estadual de Saúde Domício Arruda: "A Rosa - Uma linda página musical do aniversariante do dia.? Milton Nascimento - A Rosa".

Isabel Dantas e Poliana Simas curtindo as 'news' da Casa Cor RN 2012 Cedida

Feirinha do Servidor no Centro Administrativo: a Rosa, bem no estilo "avó coruja" fazendo compras para mais um netinho que vem por aí... João Neto

As belas Gabriela Bombonatti e Lilian Medeiros curtindo a vida...

w TENSÃO MÁXIMA Os administradores da UFRN estão experimentando momentos de grande apreensão por conta de comportamento ameaçador de aluno da Pós-Graduação, que vem apresentando quadro de surto psicótico. >>> Todo cuidado é pouco. w INIMAGINÁVEL... E o julgamento do recurso envolvendo as contas do ex-prefeito Carlos Eduardo? >>> Sem comentários. w A ROSA EM FESTA Na manhã de hoje, a governadora Rosalba Ciarlini recebeu cumprimentos pelo seu aniversário. >>> Bolo e parabéns organizados pelos auxiliares do Gabinete Civil, na Governadoria. w LUXO PURO! Esse é o clima do clássico e

chique ambiente criado pelas arquitetas Ana Mirian e Janice Diógenes na Casa Cor RN 2012. >>> E foi por isso que Ricardo e Veruska Borges receberam os convidados para o lançamento das joias "Brunani" nessa instalação. >>> As linhas Sissi e Baobá foram destaques, criadas pela florista Laélia. >>> O diretor da Brunani, Marcelo Janini, veio de São Paulo e ficou impressionado com a harmoniosa comunicação entre joalheria e os mármores, em especial os translúcidos, no ambiente. >>> Presentes no evento, Raffaela Rosito, vestindo Têca, Marluce Gentil, Odete Guerra e Yone Álvares foram das que mais chamaram a atenção na noite.

Veruska Borges e Janice Diógenes em dia Bellatrix Brunani

w CHIQUE DEMAIS! E com elegante autorização da arquiteta Carol Bezerra, os visitantes da Mostra puderam conferir, em duas telas de "Led", as coleções Brunani. >>> Ao final, o organizador da Casa Cor, César Revorêdo, e os demais criadores do evento, brindaram com espumante em taças com grifo da joalheria. >>> Um 'arraso'! w EVENTO BLUE MAN Enquanto isso, Dennis Proença cumpriu último dia da agenda na Dermage em Natal. Com dia dedicado a Blue Man. >>> Onde as empresárias Sílvia Arruda e Regina Jales receberam convidados. >>> A vereadora reeleita Júlia Arruda foi. >>> Da dermatologia, Maria do Carmo Palmeira - top da área - era quem atraía a atenção dos convidados.


Cidade

Sexta-feira

Natal, 26 de outubro de 2012

O Jornal de HOJE 13

Cena Urbana VICENTE SEREJO - serejo@terra.com.br

w EFEITO - II Há dados que mostram: a vinculação da candidatura de Hermano Morais à governadora Rosalba Ciarlini pode ter sido o tiro mortal neste segundo turno desestabilizando sua chance com vantagens largas e intransponíveis. w ALIÁS - III As análises mostram que por isso mesmo teriam sido outras e muito mais perigosas as chances da candidatura de Carlos Eduardo se por acaso tivesse disputando com o deputado Fernando Mineiro. Seria um grande risco. w CONTRATO - I Um olho perscrutador viu, através de outro olho, a assinatura do contrato da Prefeitura com a Queiroz Galvão para as obras de drenagem em Natal no valor de quase R$ 200 milhões e previsto para execução só em 2013. w RISCO - II Só que tramita na Justiça uma ação de outra empresa, com proposta ainda lacrada que pode apresentar valores inferiores. O fato pode gerar um grande impasse e levar a um questionamento jurídico retardando a execução.

Do Arcebispo Dom Jaime Vieira Rocha a coluna recebe carta na qual desautoriza a existência de déficit financeiro na Arquidiocese de Natal, herdada do passado, e garante como governante nunca ter cogitado vender o Centro de Treinamento de Ponta Negra. A carta, na íntegra.

A palavra do Arcebispo Prezado Jornalista Vicente Serejo, Temos acompanhado com interesse e deferência sua coluna que há muito enriquece as páginas do Jornal de Hoje, que há 15 anos serve à opinião pública potiguar comunicando-lhe as notícias do cotidiano da vida em sociedade nas suas mais variadas dimensões. Somos convictos de que os meios de comunicação social devem ser utilizados para edificar e apoiar a comunidade humana, nos vários setores que tecem a vida em sociedade, quais sejam: econômico, político, cultural, educativo, religioso, entre outros. Acreditamos que a informação dos meios de comunicação social deve estar sempre a serviço do bem comum e que, por isto, a sociedade tem direito a uma informação fundada sobre a verdade, a liberdade, a justiça e a solidariedade (Cf. Compêndio da Doutrina Social da Igreja - CDSI, 415). Desde que tomamos posse no governo do arcebispado de Natal, temos visto circular em sua privilegiada coluna, notícias envolvendo o nome da Arquidiocese de Natal, ou de membros do seu clero. Parte dessas notícias, infelizmente, não condizem com a verdade. Tampouco com a real situação pastoral, administrativa e econômica desta Igreja particular. Não é verdade que recebemos de nosso predecessor dívidas acumuladas, nem muito menos de que a situação econômico-financeira da Arquidiocese encontra-se deficitária. Em nenhum momento, o governo arquidiocesano cogita alienar o imóvel onde está encravado o Centro de Treinamento de Ponta Negra. Pelo contrário, iremos revitalizá-lo e adequá-lo às exigências que o tempo presente impõe àquela Casa de acolhimento de agentes de pastoral ou de turistas. Felizmente, nossos predecessores, com a generosa e estreita colaboração dos fiéis leigos, amparados na solicitude pastoral de nossos indispensáveis colaboradores diretos, os padres e diáconos, têm contribuído para a realização e manutenção de todas as atividades necessárias à consecução da Missão da Igreja de Jesus Cristo no solo dos Protomártires do Brasil.

Carlos Magno FLASHES DO SERIDÓ - carlosm.dantas@hotmail.com

Temos, sim, envidado esforços para aperfeiçoarmos ainda mais a gestão pastoral e administrativa, não só da Cúria Arquidiocesana, mas, também das Paróquias, das Comunidades e Serviços Eclesiais. Esforçar-nos-emos para dotar nossa administração dos meios adequados e necessários para fomentar e implementar uma gestão eficiente, responsável, eficaz e transparente, amparados no dever de fidelidade ao Povo de Deus, de quem somos servidores, e a quem nos obrigamos a prestar contas (Código de Direito Canônico, cân.1.287), com diligência, (Cân.1.284), segundo as normas canônicas e civis aplicáveis. Sem dúvida, o tempo presente exige de todos nós uma intensa atividade educativa e um correspondente empenho por parte de todos, para que a investigação da verdade seja promovida em todos os ambientes e prevaleça sobre quaisquer tentativas de distorção ou manipulação dos fatos (Cf. CDSI, 198). Tal exigência se impõe a todos os que fazem do seu labor meio e instrumento de educação para a paz, alicerçada na promoção da dignidade humana, da justiça e da liberdade, sem descuidar do zelo por nossas instituições. Queremos, nesta oportunidade, prestar-lhe nossas homenagens por seu contínuo e diligente trabalho a favor da boa informação, da consciência crítica e da formação e difusão da cultura entre os seus leitores e ouvintes. Por fim, agradecemos sua valiosa atenção e consideração, para, finalmente, solicitar, se possível, publicar em sua coluna a presente mensagem, que desejamos compartilhar com os seus leitores. Muitíssimo grato.

Saudações fraternas! DOM JAIME VIEIRA ROCHA Natal, 25 de outubro de 2012 Arcebispo Metropolitano de Natal

OS PARABÉNS PRA VOCÊ serão cantados hoje para a governadora Rosalba Ciarlini, Edna Lucimar de Araújo, grande dama da sociedade seridoense e Lourdes Araújo. Segunda-feira brinda idade nova a vice-prefeita de Currais Novos, Milena Galvão Ferreira de Souza e o colunista social George Azevedo. Terça-feira rasga folhinha o santanense Fernando Cabral, ex-vereador de Florânia, Rogério Roosevelt de Medeiros e a futura primeira-dama de Rio do Fogo, Shulene Maia Freitas de Paiva Fagundes. Quinta-feira rasga folhinha o deputado estadual Vivaldo Costa e a elegante Nísia da Câmara Correia Marinho, musa do ex-presidente do Tribunal de Justiça do RN, desembargador Aécio Sampaio Marinho.

w FEIJOADA O colunista social Rodrigo Loureiro promove amanhã, a partir das 12h30, no Hotel Pirâmide, a 2ª edição da Feijoada.com. Além de festejar seu aniversário transcorrido sexta-feira, o coleguinha brinda 9 anos de colunismo, 4 deles nas páginas da Gazeta do Oeste e o sucesso do seu site www.rodrigoloureiro.com.br. As pulseiras de acesso ao evento podem ser adquiridas no Douce France.

PRESTÍGIO – Desembargador Aécio Sampaio Marinho e Nízia Marinho, casal simpático e sempre festejado nos eventos. Ela rasga folhinha quinta-feira. FESTEJANDO – Deputado estadual Tomba Farias e a mulher, a prefeita eleita de Santa Cruz, Fernanda Costa, em clima de felicidade total. Ele aniversaria quinta-feira. (Fotos Lourenço)

w EM SANTA CRUZ O deputado estadual Tomba Farias promove dupla comemoração quinta-feira em Santa Cruz, sua terra natal. O parlamentar vai comemorar seu aniversário e a vitória de sua mulher, a médica/engenheira Fernanda Costa, prefeita eleita de Santa Cruz, com festa aberta ao público com as bandas Cavaleiros do Forró, Grafith e Forró di Tora. A comemoração começa com o agradecimento a Deus, em missa de Ação de Graças, na Matriz de Santa Rita de Cássia. Muitos nomes de destaque na política potiguar vão prestigiar a festança. w COMENDA A governadora Rosalba Ciarline recebeu terça-feira, em Brasília, durante solenidade militar alusiva ao Dia do Aviador e da Força Aérea Brasileira, a comenda da Ordem do Mérito Aeronáutico no grau Grande-Oriente. A cerimônia realizada na Base Aérea do Aeroporto Juscelino Kubitschek, foi presidida pelo ministro da Defesa, Celso

Amorim. w ATRIZ REVELAÇÃO A atriz acariense Titina Medeiros, que brilhou recentemente na novela global Cheias de Charme, interpretando a fantástica Socorro, foi indicada ao Prêmio Revelação da Televisão 2012, da revista Quem. w O SIM DE IZABELA & WELLISON O grande acontecimento de outubro em Santa Cruz foi o casamento de Izabela, filha de Izabel Cristina e Robervaldo Ferreira da Silva, e Wellison, filho de Valquíria Maria e Antônio Henrique de Souza e Silva. Os noivos trocaram o sim na Matriz de Santa Rita de Cássia e receberam os cumprimentos no Trairy Clube, que recebeu decoração deslumbrante de Eva Barreto e iluminação de Jackson Ranier, que continua arrasando. O bonito bolo levou a assinatura da acariense Rosimar Araújo e o Doce Sabor comandou o serviço de buffet. Muitos nomes da sociedade prestigiaram.

w NOTA Não foi à toa que este devoto de Nossa Senhora da Conceição revelou-se várias vezes entusiasmado com a escolha de D. Jaime Vieira Rocha durante o processo sucessório na Arquidiocese de Natal. Por sua serenidade e firmeza que, num homem de Deus, e sem ostentar, são indispensáveis na condução dos destinos de uma Igreja. Esta coluna recebeu de fonte credenciada a informação do déficit de R$ 200 mil na vida financeira da Arquidiocese, e publicou. Nem por isso põe em dúvida a palavra do Arcebispo. Mas nunca atribuiu à idéia ou desejo seus a venda do Centro de Treinamento de Ponta Negra. Ao contrário: a nota publicada na mesma edição de 23.10.2012 registra que uma empresa propôs R$ 5 milhões, e sublinhou: "... mas, a Arquidiocese não quer vender, mesmo que seu valor possa resolver todos os seus problemas". Na nota seguinte, lembrou a importância histórica como lugar que hospedou o Papa João Paulo II e foi construído pelo Cardeal Eugênio Sales. Quanto à necessidade de redução de despesas, o cônego José Mário chegou a colocar à disposição o espaço do próprio Eremitério do Santo Lenho. O Arcebispo, embora discreto, sabe dos desafios que tem enfrentado. (VS)

TINTIM

w SINAIS - I A cúpula do PMDB já começa a emitir sinais de desesperança nas chances de vitória do candidato Hermano Morais. E a reduzir o entusiasmo diante de certas ideias que agora passam a ser 'dispendiosas e sem sentido'.

w PASSARELA O desfile da grife Matersol Moda Praia Definitiva, da empresária seridoense Deborah Azevedo, será hoje, às 19h, na Semana da Moda Casa Cor Rio Grande do Norte, no espaço da antiga fábrica da Sam’s em Natal. PARABÉNS – Governadora Rosalba Ciarlini ganha muitos parabéns hoje, quando brinda idade nova. Felicidades! (Foto Romina Jácome)

w PARABÉNS O nosso O Jornal de Hoje é o aniversariante de quarta-feira, quando comemora 15 anos. Que esta data seja apenas mais um marco na existência deste projeto de conquistas e sucesso. A todos que fazem parte desta história, nossos aplausos. w FAIXA A Miss Mundo Rio Grande do

Norte 2013 será eleita dia 14 de novembro, no Versailles Tirol, com representantes de 22 municípios, inclusive a floraniense Verônica Moura. Evento terá a presença da carioca Mariana Notorângelo, Miss Mundo Brasil 2012. w NA EQUIPE O odontólogo Pacífico Fernandes passa a ser um nome fortíssimo para ser o secretário de Saúde de Caicó, na administração do prefeito eleito Roberto Germano. w TROFÉU A família Bezerra será a grande homenageada deste ano na Festa do Reencontro de Florânia, que o colunista social Josimar Tavares promove dia 24 de novembro, no Ginásio de Esportes Pe. Sinval Laurentino, com animação da Orquestra Evidence, do maestro Itanildo.

w CONGRESSO O advogado Robson Maia Lins foi um dos palestrantes do XXVI Congresso Brasileiro de Direito Tributário, sexta-feira em São Paulo, onde o seridoense é radicado. Abordou o tema “Sanções Tributarias”. w MARATONA O prefeito eleito de Caicó, Roberto Germano passou parte da semana em Natal. Na agenda, entrevista a TV Ponta Negra, visita ao presidente da Assembleia Legislativa, Ricardo Motta e audiências com os secretários da Saúde Pública, Isaú Gerino e de Recursos Hídricos, Gilberto Jales.

PREFEITA – Parabéns para a amiga Noeide Sabino, prefeita eleita de Equador e votos de sucesso nesta nova etapa de sua vida. (Foto Divulgação)

ALTAR – Os noivos Wellison e Izabela, no dia do seu nupcial em Santa Cruz.(Foto Wellington Fugisse)


14 O Jornal de HOJE

Cidade

Natal, 26 de outubro de 2012

Sexta-feira

Binóculo

Viagem & turismo

lira_cris@hotmail.com

Secretário de Turismo do RN, Renato Fernandes, presidente da ABAVRN, Diassis Rosado, e presidente da Emprotur, Sandro Pacheco

ABAV 2012 A presidente da ABAV-RN, Diassis Rosado Holanda, participou da abertura da 40ª edição do Congresso Brasileiro de Agências de Viagens, que acontece desde o dia 24 no Riocentro, no Rio de Janeiro, e termina hoje. O secretário de Turismo do Estado do RN, Renato Fernandes, o presidente da Emprotur, Sandro Pacheco, e mais hoteleiros e quadro técnico da Setur- Emprotur, além de muitos agentes de viagens de Natal e os jornalistas, esta colunista, Flavio Marinho,Antonio Roberto e mais Erivan Fernandes participam do evento que termina hoje. O RN participa com um estande de 100 metros quadrados com o tema sol e mar, e trouxe Dona Avalda Rodrigues com a famosa carne de sol.

Sandro Pacheco, presidente da Emprotur, presidente da ABAV-RN, Diassis Rosado Holanda, presidente da ABIH nacional, Fermi Torquato, e o secretário de turismo do RN Renato Fernandes

DICA

CORTE DA FITA Após a cerimônia de abertura na plenária da Vila do Saber, Antonio Azevedo e Gastão Vieira seguiram até a entrada do pavilhão 3 do Riocentro, onde, ao lado de Antonio Loureiro e Luis Carlos Vargas, diretor Geral para o Brasil, Portugal e Espanha e country manager da Travelport, respectivamente, procederam ao corte da fita, abrindo oficialmente o evento. A exemplo do que ocorreu em 2011, a ação foi acompanhada do ato simbólico do plantio de uma árvore, dando início à campanha “Por um trade mais verde”, que consiste na compensação das transmissões de CO2 emitidos por conta da realização do evento. O objetivo de tal ato é reiterar a crença da entidade e da Travelport na importância do desenvolvimento sustentável do turismo. MSC FANTASIA CHEGA AO BRASIL - No dia 27 de novembro, aportará em Santos (SP) o maior transatlântico da história dos cruzeiros no país: o MSC Fantasia. Avinda desse colosso dos mares na temporada 2012/2013 reflete o objetivo da MSC Cruzeiros que, a cada ano, tem direcionado seus esforços surpreendendo seus hóspedes com viagens e experiências únicas em alto mar. Devido ao sucesso e a forte aceitação do público para sua chegada à região, juntamente com o conceito exclusivo do MSC Yacht Club, a armadora italiana já anuncia a temporada 2013/2014 com a vinda do MSC

PRESIDENTE DA ABAV NACIONAL NA ABERTURA DA FEIRA DAS AMÉRICAS À frente da Associação Brasileira de Agências de Viagens (ABAV Nacional) desde o ano passado, o executivo ressaltou a importância do evento para o setor como um todo, enfatizando que, atualmente, o turismo é essencial para o desenvolvimento econômico e social sustentável, o que o leva a classificar este encontro como a “principal feira internacional de turismo do Brasil”. Depois de mencionar a parceria estratégica firmada com a ITB Berlim, considerada a maior feira de turismo do mundo, e com a Bolsa de Turismo de Lisboa (BTL), Azevedo destacou o apoio do Fórum das Associações das Agências de Viagens da América Latina e da Associação Portuguesa das Agências de Viagens e Turismo (APAVT), revelando, em seguida, os números do evento: são mais de 1.350 expositores espalhados por quase 450 estandes em uma área total de 45 mil m², espaço 15% maior em relação à edição do ano passado. Contando com a presença de 51 países, a expectativa é de que, até sexta-feira (26), circulem pelo Riocentro mais de 20 mil pessoas. Apesar de, em 2013, a ABAV passar para a capital paulista, o presidente da associação não descarta a possibilidade de, no futuro, o evento retornar para a cidade do Rio de Janeiro. “Esta região muito será beneficiada pelos investimentos estruturais dedicados

aos megaeventos esportivos, inclusive com a necessária ampliação de sua oferta hoteleira, tornando-a mais competitiva e atrativa”, disse. Durante o discurso, Azevedo abordou a questão do Projeto de Lei 5.120, que regulamenta a atividade desempenhada pelas agências de viagens, e pediu especial atenção do ministro Gastão Vieira no que concerne à aprovação do PL. Além disso, revelou uma das novidades para a edição do próximo ano: a ABAV será aberta ao público final, visando estimular a compra pelas agências e a ampliação de roteiros, destinos e produtos brasileiros. A abertura contou com a presença do ministro do Turismo, Gastão Vieira . OUTRAS AUTORIDADES PRESENTES Ao lado de Gastão Vieira, na mesa solene, estavam grandes nomes do turismo: Cecília Meireles, secretário de Estado do Turismo de Portugal, Antonio Ribeiro de Melo, representando Eduardo Paes, prefeito do Rio de Janeiro; Ronald Ázaro, secretário de Estado de Turismo, representando o governador Sérgio Cabral; Ronaldo Vieira Coutinho, governador do Estado da Paraíba; Edmar Bull, presidente da Associação Brasileira de Agências de Viagens Corporativas (Abracorp) e Jackson Pitombo Cavalcante Filho, secretário de Estado do Paraná, entre outros.

PESQUISA Dentre as autoridades presentes à cerimônia de abertura, o grande destaque foi a presença de Gastão Vieira, ministro do Turismo. Depois de ressaltar o peso que a feira representa para o setor, Vieira aproveitou a oportunidade para divulgar alguns dados da quinta edição da pesquisa que estuda o comportamento dos turistas brasileiros entre 2007 e 2011. De acordo com o estudo, que entrevistou 39 mil famílias, a quantidade de pessoas que realiza viagens dentro do país cresceu 18,5%, o que, em números, corresponde a um acréscimo de 9,2 milhões de viajantes. Apenas no ano passado, quase metade da população brasileira (48,5%) viajou pelo menos uma vez. Dos entrevistados, 44% optaram por percorrer o território nacional. A preferência por viagens domésticas subiu de 161 milhões, em 2007, para 191 milhões em 2011. Apesar de a quantidade de viagens empreendidas por pessoas com renda de até quatro salários mínimos ter crescido mais de 21%, a falta de dinheiro apareceu como o principal motivo que impede os turistas de viajarem. Por sua vez, as famílias mais abastadas, que sobrevivem com mais de 15 mil reais, alegaram falta de tempo. A pesquisa apontou também que o lazer ainda é a grande alavanca do setor: saltou de 80,3%, em 2007, para 81,4% no ano passado. Preziosa, o 13º navio da frota que está sendo construído e será inaugurado em março de 2013. Mas não as novidades não param por aí. Além de aguardar a chegada do MSC Fantasia e MSC Magnifica que estreiam em novembro próximo no litoral brasileiro; apresentar o MSC Orchestra ao Rio de Janeiro e o MSC Musica à Argentina e Uruguai; a empresa destaca também o início das vendas para a temporada 2013/2014, a partir de 01 de dezembro de 2012, com condições especiais àqueles que anteciparem suas reservas, como a

Equipe técnica da Emprotur com Andreza do Ocean Palace

DESTINOS A Croácia , Vietnã , Índia, entre outros destinos também estão participando do Congresso da ABAV. Neste ano estreiando Vietnã e Croácia. A representante do Vietnã, Luong Thu Huong veio pela primeira vez ao Brasil e explicou que já participou de várias feiras internacionais, porém no Brasil foi a primeira vez. Trouxe folders dos passeios do Vietnã e suas principais cidades, como Lao, Camboja,que despertaram a atenção dos agentes de viagens.

promoção do 2º hóspede grátis em cabines externas com varanda. Além disso, outras promoções especiais como 3º hóspede grátis, aéreo bônus para algumas cidades, Plano Familiar e opções facilitadas de pagamento, seguem as mesmas políticas comerciais e promocionais já adotadas e consolidadas pela empresa, que privilegiam a compra com antecedência. Completam a frota da temporada 2013/2014, os navios MSC Magnifica, MSC Orchestra e o MSC Poesia, que virá à América do Sul pela primeira vez para realizar cruzeiros a partir de Buenos Aires.

erado as da semana são o esp RTAZ itas saudades. As estrei mu r erra ixa Gu de "A sem esa ra nc O QU E ES TÁ EM CA bo fra i em produção ra de eleição, outubro va a de Pai Para Filho", e a nzag on Tra l "G l ote na "H o cio na açã Fim de Mensalão, véspe im ma ormal 4", a an Skyfall", o dra ran ção Pa era de Op ida 7 tiv "A "00 , ror nd ter Bo exções filme de James ntinuam em cartaz o Separe". Nas programa e Cult do Cinemark. Co ia "Até Que a Sorte nos éd re os 50 com a sob e al n, eci eso dos Botões", na Sessão Cin esp Ne ão m ti". Vejam seç el 2", com Lia Ta cáv de pla o Im ári Di sca "O l "Bu r na ille cio silvânia", o thr e", e a comédia na ntém o terror "A Entidad clusivas, o Moviecom ma anos de James Bond.

ESTREIA 1: "007 - OPERAÇÃO SKYFALL" O vazamento de dados confidenciais revela a posição de diversos agentes infiltrados em células terroristas, colocando suas vidas em risco. O próprio James Bond (Daniel Craig) é um dos afetados e precisa demonstrar sua lealdade a M (Judi Dench) para ajudá-la a resolver o problema. Logo ele passa a investigar quem está por trás do ataque ao MI6 e percebe que o responsável está bastante familiarizado com o modo de funcionamento da agência de espionagem britânica, por ter sido um de seus agentes no passado. Dirigido por Sam Mendes e com Javier Bardem, Ralph Fiennes, Albert Finney, Helen McCrory e Ben Whishaw no elenco. "007 - Operação Skyfall" estreia nesta sexta-feira, nas Salas 2 e 3 do Cinemark, e nas Salas 1 e 4 do Moviecom. Cópias dubladas e legendadas. Classificação indicativa 16 anos. (T. O.: "Skyfall") ESTREIA 2: "GONZAGA DE PAI PARA FILHO" Decidido a mudar seu destino, Gonzaga sai de casa jovem e segue para cidade grande em busca de novos horizontes. Lá, ele conhece uma bela mulher, Odaléia (Nanda Costa), por quem se encanta. Após o nascimento do filho e complicações de saúde da esposa, ele decide voltar para a estrada para garantir um futuro melhor para o herdeiro. Para isso, deixa o pequeno aos cuidados de amigos no Rio de Janeiro e sai pelo Brasil afora. Só não imaginava que essa distância entre eles faria crescer uma complicada relação. A direção é de Breno Silveira. "Gonzaga de Pai Para Filho" estreia nesta sexta-feira, nas Salas 1 e 6 do Cinemark, e nas Salas 3 e 7 do Moviecom. Classificação indicativa 12 anos. (T. O.: "Gonzaga de Pai Para Filho") ESTREIA 3: "A GUERRA DOS BOTÕES" (SESSÃO CINE CULT) 1960, em uma aldeia no sul da França. Um grupo de meninos, com idades entre 7 a 14 anos, é liderado por Lebrac (Vincent Bres) numa guerra contra as crianças da aldeia vizinha. Trata-se de uma batalha tradicional, realizada há gerações pelos jovens das duas aldeias. Eles lutam pela honra e lealdade, mas utilizam-se dos meios necessários para vencer. O exército de pequenos homens tenta de todas as formas não ser percebido por pais e mães, o que é complicado quando voltam para casa com as roupas rasgadas e sem botões. A direção é de Yann Samuell. "A Guerra dos Botões" será exibido terça-feira (30/10) e quinta-feira (01/11), na Sala 5 do Cinemark, na sessão de 20h00. Classificação indicativa dez anos. (T. O.: "La Guerre des Boutons")

FINAL DE SEMANA FEIRÃO - De 27 de outubro a 4 de novembro, a Praça de Eventos do Norte Shopping se transformará em uma enorme vitrine de exposições de motocicletas Honda. Serão mais de 40 motos expostas, de todos os modelos, inclusive as versões 2013. Porém, o principal atrativo são as promoções, modelos top com preços muito especiais. TITÃS - Hoje a banda Titãs traz para Natal um show histórico em comemoração aos 26 anos do álbum “Cabeça Dinossauro” e os 30 anos de carreira. Em turnê pelo país, o grupo aporta para uma apresentação única da turnê homônima ao álbum na Praia Devassa Beach Club, Via Costeira. A festa começa às 21h com a abertura dos portões e o show da banda Zero 85. A programação terá ainda a apresentação do projeto Sax in the House. Os ingressos estão à venda na Nokia (Midway Mall). Informações: 3620-5262. FESTA TEMÁTICA - Festa temática mais disputada de Recife, a Carvalheira Fantasy tem data para chegar a Natal. O Pepper´s Hall e a Cachaçaria Carvalheira se uniram e apresentam no dia 10 de novembro uma grande noite com muitas surpresas e novidades. De super heróis a mocinhas, vilões e bandidos, vários personagens e muita criatividade vão invadir a casa mais balada de Natal. Guarde a data, escolha sua fantasia e se prepare para muita diversão. Mais informações em breve. mais turismo acesse www.turismocristinaliranatal.blogspot.com

Claquete Newton Ramalho

Especial: 50 anos de James Bond colunaclaquete@gmail.com

Fotos: Divulgação

Por Cristina Lira

É no mínimo curioso como um personagem de ficção pode ser tão famoso a ponto de ser encarnado por sete diferentes atores, que o viveram em 25 filmes oficiais ou não, e cujo vigésimo sexto, "007 - Operação Skyfall", estreia mundialmente hoje, 26 de outubro de 2012. Afora o charme inegável da maioria dos atores que o interpretaram, James Bond chegou aos cinemas com um trunfo a mais: o personagem já era famoso graças aos livros escritos pelo inglês Ian Fleming. O Bond criado por Fleming foi baseado em várias pessoas que ele admirava, incluindo o irmão, Peter, um herói de guerra, e muitas das aventuras foram inspiradas em suas próprias experiências na Segunda Guerra Mundial. Apesar do relativo sucesso na Inglaterra, graças à série de livros iniciada em 1952 com Cassino Royale, reza a lenda que foi por conta de uma entrevista do então presidente americano John F. Kennedy, que fez um comentário sobre os livros de Fleming, que ele se tornou o autor mais vendido nos Estados Unidos, na época. Os críticos, porém, eram implacáveis em considerar seus livros uma nulidade. Críticas ou elogios, o certo é que os livros de Fleming já venderam mais de cem milhões de cópias em todo mundo. Em junho de 1961, Fleming vendeu os direitos cinematográficos de todos os seus romances e contos de James Bond (exceto Cassino Royale, que já havia sido vendido), para o produtor Harry Saltzman. Com a participação de Albert R. Broccoli, a dupla co-produziu "Dr. No", que foi lançado em 1962. Depois de uma longa procura, os produtores escolheram o escocês Sean Connery para interpretar o espião nas telas. Connery era praticamente um desconhecido no cinema, mas, conseguiu dar um rosto real ao personagem do livro, rosto que é inseparável até hoje. O filme também trouxe a primeira Bond-girl, Ursula Andress. "007 Contra o Satânico Dr No", que foi o título em português, estreou nos cinemas no dia 05 de outubro de 1962, cinquenta anos atrás. Só nos Estados Unidos o filme foi visto por 19 milhões de pessoas, sendo impossível avaliar o público mundial. O sucesso do filme foi estrondoso, o que levou os produtores a prosseguir a carreira do espião nas telas, com "Moscou Contra 007", em 1963, "007 Contra Goldfinger", em 1964, "007 Contra a Chantagem Atômica", em 1965, e "Com 007 Só Se Vive Duas Vezes", em 1967, todos estrelados por Connery. Preocupado em ter a sua imagem presa a um único personagem, ele recusou continuar vivendo James Bond nas telas.

www.colunaclaquete.blogspot.com - @colunaclaquete

Assim, o próximo filme da série, "007 a Serviço de Sua Majestade", em 1969, foi estrelado pelo australiano George Lazenby. Seja pela rejeição ao novo Bond, seja pela história que não agradou, ou por qualquer que tenha sido a causa, o personagem quase desaparece das telas. Para salvá-lo, Sean Connery aceitou fazer um novo filme, "007 - Os Diamantes São Eternos", em 1971. Para continuar a vida do espião nos cinemas, foi contratado um novo ator, o inglês Roger Moore. Moore estrelou os filmes "Com 007 Viva e Deixe Morrer" (1973), "007 Contra o Homem Com a Pistola de Ouro" (1974), "007 - O Espião Que Me Amava" (1977), "007 Contra o Foguete da Morte" (1979), "007 Somente Para os Seus Olhos" (1981), "007 Contra Octopussy" (1983), e "007 Na Mira dos Assassinos" (1985). Moore imprimiu um caráter galhofeiro ao seu 007, o que desagradou muitos fãs que se identificavam com o jeito sério de Connery. Este, em 1983, viveu novamente o personagem em uma produção "concorrente", "007 - Nunca Mais Outra Vez", que não é considerada da série oficial de Bond. Em 1987 o bastão foi passado ao galês Timothy Dalton, que viveu o personagem em "007 Marcado Para a Morte", repetindo o feito em 1989, em "007 - Permissão Para Matar". Embora remetendo à imagem do personagem do livro, Dalton não passou do segundo filme. O próximo a vestir o uniforme de Bond foi o irlandês Pierce Brosnan, nos filmes "007 Contra Goldeneye" (1995), "007 - O Amanhã Nunca Morre" (1997), "007 - O Mundo Não é o Bastante" (1999), e "007 - Um Novo Dia Para Morrer" (2002).

Depois do quarto filme com Brosnan, a indústria parecia ter perdido o interesse no velho espião. Mas, em 2006 veio um novo filme, desta vez com o inglês Daniel Craig no papel principal, em "Cassino Royale". O filme deu um restart na série, apresentando-o na forma de um espião novato, vibrante e ousado, ao lado de uma Bond-girl fora do comum, a francesa Eva Green. O filme suscitou paixões imensas do público, muitos contra, por se fugir da imagem do Bond alto, moreno, bonito e refinado. Outros, porém, se identificaram com a imagem de Craig como um Bond atualizado, ainda sem polimento, mas com a energia vibrante que se esperava do personagem, sem ser um mero manipulador de aparelhos eletrônicos. Em 2008 foi feita uma sequencia, "007Quantum of Solace", e depois criou-se uma grande expectativa para o próximo filme, "007 - Operação Skyfall", cuja produção sofreu um grande atraso por conta das dificuldades financeiras do estúdio MGM. Os filmes de 007 criaram uma tradição na forma, com uma abertura impactante, uma canção-título interpretada por músicos famosos, um clímax estonteante, e, é claro, as famosas Bond-Girls. A cena de abertura era considerada tão importante que era filmada por uma equipe independente, e chegava a custar dez por cento do orçamento total do filme! Ao longo da história de Bond nos cinemas muitas canções fizeram um tremendo sucesso, sempre interpretadas por pessoas como Carly Simon, Tina Turner, Paul McCartney, Sheena Easton, Duran Duran, e até Madona. Para o filme atual, a cantora escolhida foi a britânica Adele. E no quesito Bond-girl, os filmes de 007 trouxeram para a tela algumas das mulheres mais bonitas de suas épocas, como Ursula Andress, Grace Jones, Diana Rigg, Jill St. John, Jane Seymour, Britt Ekland, Barbara Bach, Eva Green, Maud Adams, Denise Richards, Halle Berry, Sophie Marceau, Olga Kurylenko e Kim Basinger. O curioso é que cada espectador tem um Bond favorito, a depender de sua faixa etária. Para mim, que li os livros e assisti aos primeiros filmes dos anos 60, Sean Connery será sempre a personificação do James Bond. Eu sempre detestei o jeito irreverente de Moore e de Brosnan, que transformavam 007 em uma piada sem graça. Contudo, confesso simpatizar bastante com o Bond criado por Craig, que fez renascer o personagem, que - espero - ainda vá causar muitas polêmicas e proporcionar muitos prazeres aos fãs de carteirinha.


Esporte

Sexta-feira

O Jornal de HOJE 15

Natal, 26 de outubro de 2012

Fotos: Wellington Rocha

Será o terceiro jogo de Givanildo no comando do ABC. Até agora o treinador mantém o rendimento de uma vitória e uma derrota

Depois de desfalcar o ABC no jogo de terça-feira, Cascata retorna ao time titular e tem a missão de comandar o time em mais uma decisão

O líder pelo caminho. Mais uma vez! HOJE

O

ABC

SÉRIE B DO CAMPEONATO BRASILEIRO. FATO QUE SE RODADAS. LOGICAMENTE NÃO ESTAMOS DO MESMO TIME

MAIS UMA VEZ ENFRENTARÁ O LÍDER DA

REPETIRÁ PELA TERCEIRA VEZ NAS ÚLTIMAS SEIS Não bastassem as dificuldades habituais que tem enfrentado na Série B, o ABC no mês de outubro tem sido um verdadeiro imã para os clubes que lutam pela liderança na competição. Nas últimas seis rodadas que disputou o alvinegro potiguar enfrentou os quatro melhores times da divisão. Para completar a coincidência, quando hoje a noite, às 18h30, entrar em campo para enfrentar o Goiás, será a terceira vez nas últimas seis rodadas, que estará frente a frente com o líder da Série B. Os confrontos contra os líderes começou no dia 06 de outu-

bro, quando o time perdeu para o Vitória por 1 a 0 no Barradão, pela 28ª rodada. Naquela oportunidade o time baiano era o líder absoluto na classificação geral. Na sequência, no Frasqueirão, foi a vez de enfrentar o Atlético Paranaense e mais uma derrota apareceu. O Atlético é hoje o quarto colocado. Na 30ª rodada foi a vez do Criciúma, que assumira a liderança e em casa se aproveitou do bom momento para mais uma vez vencer. Depois de duas rodadas enfrentando adversários diretos contra o rebaixamento, mais uma vez um encontro com o primeiro lugar da

tabela. Essa é a primeira vez que o Goiás defenderá sua liderança na competição. Se o ABC tenta se recuperar da derrota para o Guaratinguetá, o Goiás vem de goleada sobre o Asa de Arapiraca. A ascensão e o bom futebol dos goianos é o principal problema para o técnico Givanildo de Oliveira, que contará com praticamente todo o grupo que tem a disposição, exceto o lateral direito Pedro Silva, que ainda sofre com problemas musculares. Por outro lado ele pode comemorar os retornos do volante Guto e do meia Cascata, que cumpriram suspen-

são na última rodada. Restando seis rodadas para o final da Série B o ABC faz hoje o primeiro dos três desafios restantes no Frasqueirão. A aposta da diretoria e dos jogadores é que o dever de casa seja bem feito nesses confrontos e que as vitórias garantam o time na divisão para a temporada de 2013. Com 36 pontos ganhos o ABC ocupa a 15ª colocação e tem apenas cinco pontos de vantagem para o Z4. O técnico Givanildo de Oliveira divulgou a relação de convocados e deve montar o time titular do ABC com Andrey, Ivan, Flá-

AMÉRICA SEM FABINHO MAS COM

NOVIDADES NA CONVOCAÇÃO O técnico Roberto Fernandes resolveu abrir mesmo espaço para novas experiências no time do América. Apesar de não contar novamente com o meia Fabinho, o treinador poderá colocar em campo um time bem parecido com o que entrou em campo na última rodada e venceu o Joinville-SC por 3 a 1 no estádio Nazarenão. A boa notícia é que o volante Ricardo Baiano está de volta e compõe o meio campo ao lado de Márcio Passos. Outro retorno importante é o do lateral direito Norberto, que volta a compor o time titular. Entre os 18 convocados pelo treinador, duas novidades. O volante Diogo Kachuba e o meia Marcelo têm nova oportunidade na relação. Apesar disso, o time titular não deve mudar muito em relação ao último confronto, que deve contar com a seguinte formação: Thiago Schimidt, Norberto, Edson Rocha, Cléber e Wanderson; Márcio Passos, Ricardo Baiano, Thiago Galhardo e Netinho; Isac e Lúcio Curió. Com 47 pontos na classificação e na oitava colocação, o Amé-

CONVOCADOS Goleiros: Andrey e Camilo; Laterais: Ivan, Renatinho Potiguar e Esquerdinha; Zagueiros: Flávio Boaventura, Gladstone e Vinicius; Volantes: Guto, Bileu e Serginho; Meias: Cascata, Walter Minhoca, Raul, Fábio Neves e Jérson; Atacantes: Adriano, Éderson, Diego Clementino e Baiano.

PROMOÇÃO MANTIDA Para o confronto decisivo diante do Goiás, a diretoria alvinegra confirmou a manutenção da promoção realizada no último confronto do time no Frasqueirão, quando venceu o Bragantino. O acesso às arquibancadas custará 10 reais para sócios e não sócios.

33ª RODADA - SÉRIE B 26/10 - 19h30 26/10 - 19h30 26/10 - 21h00 26/10 - 21h00 26/10 - 21h50 27/10 - 14h00 27/10 - 16h00 27/10 - 16h00 27/10 - 16h00 27/10 - 16h00

ABC-RN Vitória-BA Boa Esporte-MG Grêmio Barueri-SP Avaí-SC Atlético-PR Joinville-SC Guarani-SP Ipatinga-MG ASA-AL

x x x x x x x x x x

Goiás-GO São Caetano-SP Ceará-CE América-RN Paraná-PR Guaratinguetá-SP América-MG Criciúma-SC CRB-AL Bragantino-SP

33ª RODADA - SÉRIE B

CONVOCADOS

O lateral Norberto e o volante Ricardo Baiano estão de volta ao time titular do América rica utilizará as seis últimas rodadas para fazer experiências. Além disso, é uma boa chance para buscar um melhor posicionamento na tabela de classificação. Sem ne-

nhum risco de rebaixamento e com diferença de 12 pontos para o G4, resta ao alvirrubro comemorar a tranquila campanha e cumprir tabela de forma digna.

Goleiros: Thiago Schimidt e Dida; Zagueiros: Edson Rocha, Cléber e Zé Antônio; Laterais: Norberto, Wanderson e Philip; Volantes: Márcio Passos, Ricardo Baiano, Michel Schmoller e Diogo Kachuba; Meias: Netinho, Thiago Galhardo e Marcel; Atacantes: Isac, Lúcio e Pingo

Gabriel Negreiros GABRIEL NEGREIROS - gabrielnegreiros@gmail.com O texto a seguir é do professor João Roberto Liparotti, Coordenador do PROGRAMA de pesquisa e extensão UFRN NA COPA. Sabe-se que o futebol é um esporte de invasão no setor do adversário tentando marcar gols na meta adversária e protegendo sua própria meta. A regra do jogo estabelece que todas as condições (equipamentos, uniformes, etc.) devem ser similares e cumprir as mesmas características, ou seja, que a cada gol ou tentativa, a bola recomece com o adversário para que este tenha oportunidades iguais de jogar. Natal é a única cidade que fundou seus três principais times de futebol no mesmo ano, em 1915. As histórias dos seus nomes sugiram como homenagens: ao pacto de amizade fraternal e diplomática que visava à cooperação mútua entre os países Argentina, Brasil e Chile, surgiu o ABC FC (53 títulos estaduais); a partir de um grupo de jovens que, numa homenagem ao continente americano, fez surgir o AMÉRICA FC (34 títulos); Por fim, em homenagem ao tradicional bairro de Natal, surgiu o ALECRIM FC (7 títulos) outro grupo, entre eles o goleiro natalense João Café Filho que se tornou presidente do Brasil entre 1954-55.

vio Boaventura, Gladstone e Renatinho Potiguar; Guto, Bileu, Minhoca e Cascata; Adriano Pardal e Éderson. Há ainda a possibilidade do atacante Baiano beliscar uma vaga entre os titulares, mas o técnico não confirma a informação.

Mesmo considerando toda essa história de criação dos times de futebol em Natal como homenagens a alianças e amizades fraternais, não podemos esquecer que essa cidade também foi formada a partir dos povos indígenas que aqui habitavam e dos negros escravos que para aqui foram trazidos. Antes da chegada dos europeus, a etnia Potiguara habitava desde o Estado do Maranhão até o litoral de Pernambuco. No processo bélico de conquista deste litoral lutaram e resistiram, mas as diferenças culturais e tecnológicas levaram ao domínio colonial, sendo os povos Potiguara reduzidos a viver em Missões Religiosas. Além dos Potiguara, a família linguística Tarairiú habitava tradicionalmente os sertões da Capitania do Rio Grande, sendo composta por várias etnias apontadas nos documentos coloniais: Janduí, Ariú, Pega, Canindé, Genipapo, Paiacu, Panati, Caratiú e Corema. Estes grupos entraram em contato com os colonos portugueses na interiorização causada pela pecuária e foram os personagens da Guerra dos Bárbaros, evento no qual defenderam 1688 até 1713 seu modo de viver e seu território. O processo de conquista colonial dos sertões levou

à morte, fuga e redução de muitos Tarairiú nas Missões Religiosas onde passaram a conviver com os Potiguara. Os descendentes destes povos são os que agora reivindicam o autoreconhecimento como indígenas. Em 2010, o CENSO do IBGE identificou 20.554 da etnia POTIGUARA, oitava entre as 305 existentes. Ao todo, foram registrados 896,9 mil indígenas, 36,2% em área urbana e 63,8% na área rural. A população indígena em todo o Nordeste vem lutando pela demarcação, homologação e desintrusão de seu território. Sabemos, no entanto, que não basta ampliar as áreas indígenas, que ocupam apenas 13,2% do território nacional. Há enormes problemas sociais e econômicos vivenciados pelos povos indígenas que vão muito além da questão territorial e estão ligadas à saúde, educação, segurança, etc. Em relação à população negra, estimativas variadas apontam que o Brasil recebeu cerca de 38% de todos os escravos africanos que foram trazidos para a América, chegando a citar mais de quatro milhões de pessoas. Segundo uma estimativa, de 1501 a 1866, foram embarcados 5.532.118 africanos, dos quais 4.864.374 chegaram vivos e irrespon-

savelmente 667.696 pessoas morreram nos navios negreiros durante o trajeto África-Brasil. Nosso país foi, de longe, o que mais recebeu escravos no mundo. Isto durou até 1888, sendo o Brasil, vergonhosamente o último país das Américas a abolir a escravidão. Como consequência de toda essa situação, até hoje ser negro guarda um estigma dificilmente superado. De acordo com o IBGE (2008), quando indagados a dizer de forma espontânea a sua cor ou raça, 49% dos entrevistados se disseram brancos, 21,7% morenos, 13,6% pardos, 7,8% negros, 1,4% pretos (somados 44,5%), 1,5% amarelos, 0,4% indígenas e 4,6% deram outras respostas. Parte da história do nosso país, portanto, tem uma enorme dívida com os povos indígenas e com os descendentes do continente africano. O futebol, como pensado nesse evento, pode ser veículo para a cultura da paz e reflexão o entre todos que o praticam, torcem ou trabalham direta ou indiretamente com o esporte mais praticado e assistido do mundo, com mais filiados à FIFA(209) do que a ONU com (193). Quem sabe cada vez mais conviveremos com atitudes e demonstrações de um relacionamento respeitoso e hospitaleiro entre

1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20

CLUBE Goiás-GO Vitória-BA Criciúma-SC Atlético-PR São Caetano-SP Joinville-SC América-MG América-RN Avaí-SC Ceará-CE Paraná-PR ASA-AL Boa Esporte-MG Guarani-SP ABC-RN Guaratinguetá-SP Bragantino-SP CRB-AL Grêmio Barueri-SP Ipatinga-MG

PG JG 67 32 66 32 65 32 59 32 58 32 52 32 49 32 47 32 46 32 45 32 42 32 40 32 38 32 38 32 36 32 31 32 31 32 30 32 26 32 25 32

VI EM DE 20 7 5 20 6 6 20 5 7 18 5 9 16 10 6 15 7 10 15 4 13 13 8 11 14 4 14 12 9 11 11 9 12 12 4 16 10 8 14 9 11 12 9 9 14 9 4 19 8 7 17 8 6 18 6 8 18 6 7 19

GP 61 52 69 54 47 49 51 48 36 48 41 41 42 30 39 32 34 35 32 30

GC 30 33 49 32 31 31 45 47 37 45 41 44 50 37 42 54 49 57 59 58

SG 31 19 20 22 16 18 6 1 -1 3 0 -3 -8 -7 -3 -22 -15 -22 -27 -28

PisandonaBola AMÂNCIO

amancionatal@gmail.com / www.chargistaamancio.blogspot.com


16 O Jornal de HOJE

Natal, 26 de outubro de 2012

Esporte

Sexta-feira

Fotos: Divulgação

Passe Livre

RUBENS LEMOS FILHO - r.lemosfilho@uol.com.br

O ataque do Fluminense voltou a funcionar. Wellington Nem abriu o placar e depois deu o passe para Thiago Neves ampliar

Mais líder que nunca FLUMINENSE VENCE O CORITIBA, VOLTA A ABRIR NOVE PONTOS DE VANTAGEM, COLOCA PRESSÃO EM CIMA DO ATLÉTICO O Fluminense voltou a liderar o Campeonato Brasileiro com 9 pontos de vantagem sobre o vicelíder. Pelo menos até o AtléticoMG entrar em campo. Nesta quinta-feira, os cariocas venceram o Coritiba por 2 a 1, no Engenhão, em noite inspirada de Wellington Nem. O atacante teve boa atuação, marcou o primeiro gol e deu o passe para Thiago Neves marcar o segundo. Everton Ribeiro descontou. Com a vitória, o Fluminense chega a 72 pontos ganhos, abrindo 9 de vantagem para o Atlético Mineiro, que só entrará em campo na quarta-feira, contra o Flamengo. Mesmo se o rival direto vencer, o Flu terminará a 33ª rodada com a mesma vantagem que começou, de seis pontos. "Vencemos e agora vamos ver esse jogo de camarote. Só voltamos a jogar no próximo domingo contra um São Paulo que vem em uma arrancada muito boa no segundo turno. Na quarta, aliás, eles jogam fora de casa pela Sul-Americana. Agora jogamos a pressão para o outro lado. Sabíamos que

até um empate seria ruim e poderia dificultar as coisas. Recolocamos três vitórias a mais, que é o primeiro critério de desempate. Isso obriga o Atlético-MG a ter de fazer algo a mais do que nós. Se perdermos apenas um eles não podem perder nenhum. Vai ser assim até o fim. Por isso a vitória diante do Coritiba era fundamental", disse o técnico do Fluminense, Abel Braga. Para o treinador o único problema de sua equipe são os apertos passados nos finais dos jogos. A pressão do Coritiba incomodou Abel. "Fizemos uma partida muito boa, poderíamos ter liquidado no primeiro tempo. No segundo tempo eles botaram a equipe bem ofensiva, mas estivemos sempre mais perto do terceiro do que de sofrer o primeiro gol. Sofremos porque desguarnecemos a 'casinha'. É aquilo que é normal, né? 2 a 0, com o jogo controlado, tomando gol, os minutos que faltam vão ser sofrimento", justificou o treinador. O Fluminense segue em busca

de quebrar novos recordes e ultrapassou a pontuação dos dois últimos campeões nacionais: o Corinthians (2011) e o próprio Flu (2010), que levantaram a taça com 71 pontos. A do Flamengo de 2009 - 67 pontos - já havia sido superada. Desde 2006, apenas uma equipe alcançou os 72 pontos e não acabou campeã: o Grêmio, vice em 2008. A 21ª vitória em 33 partidas aproximou também o Fluminense daquele que deve ser o próximo recorde a ser superado pelos comandados de Abel. Na era dos pontos corridos com 20 clubes, a equipe que acumulou mais vitórias em uma mesma edição do Brasileirão foi o São Paulo de 2007, que venceu 23 vezes. Para superar o recorde de pontos do mesmo São Paulo em 2006 (78), no entanto, o Tricolor ainda precisa conquistar mais sete. Já matematicamente garantido na Libertadores de 2013, o Fluminense volta a campo apenas no próximo dia 4 de novembro para enfrentar o São Paulo, às 17h (de Brasília), no Morumbi, pela 34ª rodada do Brasileirão.

> FALTOU FUTEBOL

Santos e Náutico não saem do 0 a 0 Um jogo sem brilho, sem gols, sem vencedor. Santos e Náutico não fizeram sua parte e desapontaram os 6.256 pagantes na Vila Belmiro. O alvinegro voltou a jogar mal e só conseguiu empatar em 0 a 0 com um rápido e entrosado Náutico porque Kieza desperdiçou um pênalti ainda no primeiro tempo. Os jogadores do Santos protestaram conta a apatia da equipe, mas os pernambucanos se deram por satisfeitos. O grupo entende que o time tinha condições de sair vitorioso, e viu com bons olhos o ponto conquistado fora de casa. A apatia foi tanta, que o atacante Neymar deixou o campo reclamando. Para ele, os seus companheiros precisam ter mais iniciativa durante as partidas e não apenas esperar por seus lances individuais. "Não é que eu estava irritado não. É uma discussão que tem que se resolver em campo. Peço para os meus companheiros aparecerem para jogar, não ficarem apenas parados olhando para a minha cara, esperando eu fazer alguma coisa. Mas eu não estava irritado. Não me sinto sozinho. São 11 jogadores, que têm que se ajudar", disse Neymar, que cobrou mais vontade do time. "Os outros estão entrando com mais von-

O ataque do Fluminense voltou a funcionar. Wellington Nem abriu o placar e depois deu o passe para Thiago Neves ampliar tade? Não pode ser assim. Aqui tem tudo que um jogador pode ter. É o Santos, é um time grande, que tem que entrar com uma vontade dobrada, triplicada, ou muito mais", comentou. O técnico Muricy Ramalho comentou o assunto em sua entrevista coletiva, concordou com Neymar, mas fez uma ressalva, lembrando que o Santos apresenta muitos atletas jovens em seu elenco. "Quando ele pega a bola, os jogadores ficam torcendo para ele fazer algo. Às vezes é admiração, respeito demais por ele. Assim, eles esquecem de se

mexer, ficam assustados", analisou. Para o Náutico o resultado fora de casa foi importante na luta para permanecer na Série A. Na 13ª colocação, com 42 pontos ganhos, o Náutico permaneceu na zona intermediária da tabela de classificação e briga com os demais clubes para se garantir na Copa Sul-americana de 2013. O time está distante da desesperada luta travada por aqueles que integram a degola e dará prosseguimento aos seus objetivos no domingo, dia 4 de novembro, contra o Internacional, no estádio dos Aflitos.

Torcer por time ruim Domingo, quinze para as sete da noite, a cena semanal de folhetim: O bêbado, cabisbaixo, passa pelas duas fofoqueiras patenteadas da rua em penumbra. O homem, humilhado como um traído recorrente, passa ligeiro, sem deixar minuto para o mísero aceno falso das megeras temidas por todos os maridos da vizinhança. Donzelas, devoradoras de livretos de missa, dominam com o olhar implacável das inquisições, a circulação e o cotidiano dos habitantes do território de clima agradável e cercado por uma mata frondosa, intacta, misteriosa, nos idos da década de 1960 em Natal(RN). Aos domingos, para usar um termo da época, era batata o encontro daquele homem voltando para sua casa ao fim da rua, quase ao pé do morro, com as duas carolas impiedosas, caminhando em passos de Irmãs Cajazeiras, da novela(e série) o BemAmado, no rumo da Igreja Católica mais próxima. - Não é este o canalha que deu desfalque no banco em que trabalhava e deixou a pobre mulher por uma sirigaita? Perguntava sentenciando a de feiura mais acentuada que a outra. - Ele mesmo. Tem até vergonha de olhar para nossa cara. O homem passava fingindo não escutar, abria o portão, tomava um copo com água gelada dos iglus, vestia o pijama listrado e mergulhava na cama para o sono da fuga. >>> E foram passando os domingos, os encontros ligeiros no chão ainda de terra batida. As futriqueiras, impiedosas, maltratavam a reputação do coitado, que parecia aceitar reso chicote moral em seu caminhar de condenado à forca de faroeste. Até que um dia, todas as casas abriram suas janelas de onde surgiram cabeças curiosas e gritos espantados. Homens metidos a valentes saíram aos seus portões de revólver na cintura. Moleques se reuniram em conspirações dionisíacas. No mesmo lugar, quase à esquina da rua, as jararacas falantes observaram o homem vindo em passos mais apressados que os habituais. Vinha cabisbaixo, mas de cenho fechado, punhos cerrados, fungando como um touro prestes a entrar na arena. Quando se deu o encontro, uma das solteironas, provocou: BOA VONTADE Alô comércio, alô indústria, alô homens de boa vontade. Vamos liberar a Frasqueira do trabalho mais cedo que hoje é jogo de encruzilhada. Uma hora a menos de lucro nunca será mais importante do que uma vitória sobre o Goiás daqui a pouco, às 18h30, no Frasqueirão. Ingresso promocional de arquibancada a 10 reais. O JOGO O Goiás é líder, mas, como diz o malandro bom de samba, "não é dois". O ABC não pode ser precipitado tampouco ser medroso diante dos verdes do Planalto. Só não pode perder, que é caso para desespero e recorde geral de venda de tranquilizante na cidade. URNA Encerrada a fase dos debates de UFC Combate, os candidatos a prefeito de Natal vão

- Hoje ele está apressado. Certamente vai gastar o dinheiro que roubou do banco com a amante. Ele não esperou dois segundos. Num tabefe, derrubou as duas. E esbravejou, batendo no peito como um Tarzan Provinciano: - Não sou ladrão de banco, fui despedido, não abandonei minha mulher, fui corneado pelo gerente. Mas hoje estou vingado. Torço pelo Clube Atlético Potiguar, um time de merda que venceu a primeira em quatro anos no (Estádio) Juvenal Lamartine e vou bater em quem aparecer! >>> Chamaram a polícia e os três foram para a delegacia. Tomados os depoimentos, contados os detalhes das provocações anteriores, o delegado, homem loiro, jovem e espadaúdo, pediu para ficar sozinho com o acusado. A autoridade abriu o jogo: "Escuta aqui seu bosta. Eu podia lhe enquadrar, te dar umas porradas, mas não vou fazer não. Torço pelo Riachuelo e sei o que você passa. Chego em casa quando não estou de plantão de saco cheio e minha mulher fica danada da vida. Vai embora que eu invento qualquer coisa." Rugia a Ditadura feroz e o delegado, oficial da Marinha, era apaixonado pelo Riachuelo, clube, também fraco de doer, que representava sua farda. As bisbilhoteiras, tomaram para si a humilhação, fecharam sua casa, cerrando todas as trancas, reapareceram três meses depois, em vestidos curtos, berrantes, batons exagerados, vermelhos. Foram vistas em bares calientes da Ribeira, boemia ainda vigente da cidade cheirando a cais do porto. Nunca mais foram a uma igreja. O homem, casou de novo. Com uma balconista de farmácia. Que passou a acompanhá-lo aos jogos do seu clube preferido. Voltavam de mãos dadas, fosse numa surra tomada de 10x0 do ABC de Alberi, João Galego e Burunga , noutra de 11x1 do América de Véscio, Bagadão e Talvanes. "É péssimo torcer por time ruim, mas a vida agora é boa", repetia o cidadão, que passou a usar paletó branco, gravata rubro-negra, em homenagem ao Moleque Travesso, o Flamengo paupérrimo que nem existe mais. Hoje, para afligir masoquistas, só ABC Futebol Clube e Clube de Regatas Vasco da Gama .

esperar pelo resultado das urnas. Quem vencer, será melhor do que o desastre de hoje. Quem brigou por conta de eleição, será o maior derrotado. Campanha passa, amizade é para sempre. Ou para nunca mais voltar. POUPAR O América vai poupar seus principais jogadores na reta final da Série B. Decidiu premiar aqueles que se sacrificaram mais. Poderia ousar e subir na classificação. A dúvida é saber se dispensará todos os titulares na última rodada, contra o ABC, principalmente se o ABC, com seu esquadrão terrível, precisar vencer. NADA DE BOICOTE Torcedor do ABC que gosta de jogar nos outros a culpa que é do seu clube pode mudar o clichê. Nenhum adversário do América nos próximos confron-

tos é concorrente direto do alvinegro na luta contra a morte por rebaixamento. NORBERTO Tem gente maravilhada agora com o futebol de Norberto do América. Há muito tempo que este cidadão, desde a Série C, para ser mais preciso, vem jogando um futebol eficiente no América e de qualidade quando é necessário. Norberto não desperdiça jogadas de efeito. Quando é preciso, ele as produz. TOURO VERDE O Alecrim mandará seus jogos em 2013 no Estádio Luis Rios Bacurau, em São Gonçalo do Amarante. É uma das medidas do presidente Anthony Armstrong. O Alçapão do Touro deu muita azia em ABC e América quando o São Gonçalo montou bons times em 2000 e 2001, destaque para o meia Lino.

CMYK


Cultura

Sexta-feira

Natal, 26 de outubro de 2012

O Jornal de HOJE 17

Paulo Gustavo apresenta o stand-up “Hiperativo” indesejada no corpo, além de falar sobre a vida social e as agruras da vida moderna, como o medo que tenho de avião, de espíritos, e outras histórias incríveis.

O espetáculo reflete sobre como é difícil administrar o mundo ao nosso redor, e também administrarmo-nos no mundo. E que mundo! Cada vez mais cheio, mais quente, com mais informações, mais expectativas, medos, neuroses e paranóias também. Só mesmo sendo muito calmo ou indiferente para ficar tranquilo diante dele. Não é o caso do ator e comediante Paulo Gustavo que, após o enorme sucesso de “Minha Mãe é Uma Peça”, assistida por mais de 1 milhão de pessoas, sobe novamente ao palco para mostrar como pode ser bem engraçado tudo isso quando visto de fora. “Se é que alguém está de fora; pois se você está vivo nesse mesmo mundo, desconfie de que não. Quem sabe você também não é um Hiperativo?” Sozinho no palco – sem maquiagem nem personagem, mas munido de aguçada visão, humor peculiar, muito talento e alguns recursos especiais – o ator mostra como fazer escolhas, expressar-se, administrar os medos todos (de avião, de ficar sozinho, de perder a saúde), a convivência com as pessoas, a irritação que ela pode provocar, as inevitáveis comparações, a vida afetiva na pós-modernidade com suas noitadas, buscas, caças, competições, erros, inseguranças, entre outras. Depois de grande sucesso no país inteiro, Paulo Gustavo chega a Natal neste sábado, dia 27, às 21h30, no Teatro Riachuelo, com “Hiperativo”, um espetáculo que reúne características de stand-up com peça de teatro. Em entrevista para O JORNAL DE HOJE, o ator fala sobre a estrutura do espetáculo e afirma que o humor faz parte do seu cotidiano. O JORNAL DE HOJE - O humor faz parte do seu cotidiano? Por que? Paulo Gustavo - Sim, sempre fez. Desde pequeno eu adorava imitar todos da família. O JORNAL DE HOJE - Você ficou em cartaz durante anos com o monólogo "Minha mãe é uma peça". Pode-se dizer que de certa forma lhe ajudou a fazer standup? Paulo Gustavo - Fiquei 6 anos em cartaz com o Minha mãe é uma peça e ainda continuo, atualmente estou viajando com os dois espetáculos e, com certeza o Minha Mãe é uma peça foi fundamental para eu realizar o HIPERATIVO.

O JORNAL DE HOJE - É verdade que a energia de fazer stand-up é única? Por que? Paulo Gustavo - É eletrizante, voce estar sozinho no palco, sem maquiagem, de jeans e camiseta, é uma coisa de louco. Voce tem que conseguir uma empatia com a plateia logo de cara, por que se não rolar essa troca com o público o stand-up não acontece. O JORNAL DE HOJE - Fale um pouco sobre o "Hiperativo? Paulo Gustavo - Na verdade eu não chego a fazer um show de stand-up convencional, quando os humoristas estão no palco de cara limpa, contando piadas

O JORNAL DE HOJE - Conte pra gente, como você cria os seus textos? O que lhe inspira? Paulo Gustavo - A inspiração vem da observação das pessoas e do cotidiano, sou muito observador, e normalmente as histórias engraçadas que as pessoas me contam, acabam entrando nos roteiros que escrevo.

e tal. Esse tipo de espetáculo tem suas características próprias, que eu não sigo muito a risca. Eu tenho um roteiro, até cenário, e construo espécies de personagens, mas nada tão caracterizado. Eu gosto de uma coisa organizada. Não gosto de sair "Vendido", sem texto

ou roteiro na mão. O JORNAL DE HOJE - Geralmente, no stand-up, faz-se humor com o cotidiano. No "Hiperativo" você fala mais de você mesmo, do seu personagem, dos seus medos, suas angústias. É esse o diferencial deste espetáculo?

Paulo Gustavo - No HIPERATIVO, assim como em outros stand-ups, todas as histórias foram tiradas do cotidiano, principalmente do meu cotidiano. Eu divido o espetáculo em blocos, onde falo da relação com amigos, família, com trabalho, com aquela gordurinha

O JORNAL DE HOJE - Além deste espetáculo, quais são seus próximos projetos? Paulo Gustavo - Na Semana que vem, começo a rodar o “Minha mãe é uma peça”, que virou filme, vamos gravar em novembro e dezembro, e estamos trabalhando para que o filme seja lançado em Maio de 2013 na semana das mães.O Elenco do filme está formidável, tem a Heloisa Périssé, Ingrid Guimaráes, Hersom Capri, Monica Marteli, Gregório Duvivier, entre tantos outros. Tem a quarta temporada do 220 volts que já estou trabalhando no roteiro, e gravamos em fevereiro. Vou continuar viajando com os meus dois espetáculos (Minha mãe é uma peça e Hiperativo) e no final do Ano começo a ensaiar o meu novo espetáculo. Vai ser um musical, super produção.

CMYK


Cultura

Natal, 26 de outubro de 2012

18 O Jornal de HOJE

Sexta-feira

Musicomania CONRADO CARLOS - ccpsilva@hotmail.com

CD: ROCK PSICODÉLICO

CD: JAZZ

Piano hermoso

UM DOS DISCOS DO ANO SEGUNDO

TRABALHO DO

TAME IMPALA, "LONERISM"

REFORÇA A

DESCONFIANÇA DE QUE ESTAMOS DIANTE DE ALGO ESPECIAL; SEMELHANÇA COM VOZ DE JOHN

LENNON

E EFEITOS ALUCINÓGENOS CRIA

SONORIDADE TÃO BOA QUANTO À PRÓPRIA PSICODELIA DOS A bateria nervosa, sombreada pelo mantra ‘Gotta be above it’, ganha cores vibrantes com a voz de Kevin Parker, cuja semelhança com a de John Lennon é cada dia maior, e com o tecladinho psicodélico na introdução de “Lonerism”, o tão aguardado segundo álbum dos australianos do Tame Impala. Falo de uma das bandas mais interessantes dos últimos tempos, que assombrou o meio roqueiro com “Innerspeaker”(eleito o melhor de 2011 pela Rolling Stone) poucas vezes a sonoridade viajandona do final dos 60s e começo dos 70s foi tão bem revisitada; seria como juntar “Smiles”, do Beach Boys, e “Sgt. Peppers”,em uma embalagem mais moderna, porém de conteúdo aproximado. Já em “Endors Toi”, os efeitos

que caracterizaram o primeiro trabalho voltam em equilíbrio com a batida seca e marcial, como a de Ringo Starr em “Stramberry Fields Forever”. O que preenche o ambiente com a suspensão alucinógena do som flower power - vou além e digo que eles criaram psicodelia sem nada dever aos cânones do gênero. A suingada “Mind Mischief”, quarta faixa, virou hit em meu stereo. Vozes sobrepostas, riff marcante e letra trágico-romântica, como manda o figurino. Quando Parker (o segundo da direita para esquerda; fã assumido dos Mutantes) canta “Feels like my life is ready to blow” (“parece que minha vida está prestes a explodir”), quem explode é nossa empolgação com o que está por vir.

Caso de “Feels Like We Only Go Backwards”, “Keep on Lying” e “Elephant”, com seu baixo de Geezer Butler (Black Sabbath) à massacrar nosso cerebelo - o álbum foi produzido por Dave Fridman (The Flaming Lips, MGMT, Mogwai) e gravado/mixado em Paris e Perth, terra natal dos impalas alucinados. Disponível de graça em streaming, “Lonerism” estabeleceu o Tame Impala como referência, como sopro criativo em meio à profusão de mesmice que assola o rock atual. Longe de mera transposição da sonoridade de uma época mítica para o rock, é um marco na junção do que existe de mais atual em tecnologia de estúdio com ideias lançadas quarenta e cinco anos atrás.

60S

No poema “Cantos de vida y esperanza” (1905), Ruben Dário, para muitos, o pai do modernismo latino-americano, grifa com ares premonitórios o futuro trágico que sua Nicarágua natal teria setenta anos depois, quando uma Guerra Civil entre forças governamentais e guerrilheiros sandinistas flambou a América Central, a ponto de se transformar em uma das batalhas mais importantes (e sangrentas) da Guerra Fria. Em certo trecho, ele diz assim: “Eu conheci a dor desde minha infância, minha juventude/ foi juventude a minha? Suas rosas ainda deixam sua fragrância, uma fragrância de melancolia”. Era uma época em que os Estados Unidos invadiam aquele pedaço de chão habitado por hispânicos e ameríndios a cada estação. Ainda que o erotismo fosse o tema chave da poesia de Dário, traços políticos podem ser vistos em sua obra. Talvez seja mania de quem nasceu abaixo do Rio Bravo, a de politizar biografias e episódios de artistas latinos, mas o filme dariano se repetiu com o conterrâneo Donald Veja, pianista que abandonou Manágua na adolescência para fugir da horda seguidora do espólio socialista de Augusto César Sandino (18951934). Com uma diferença: a dor e a melancolia foram trocadas por uma obsessão messiânica em dominar o instrumento popularizado por Liszt e Chopin. Com uma lista quilométrica de prêmios recebidos, Vega, hoje, faz parte dos headlines da cena jazzística de Los Angeles, e acaba de lançar um dos melhores discos do ano: Sua segunda cria, “Spiritual Nature” – ele teve a honra de ser adotado artisticamente por Ron Carter, nada menos que o baixista coautor de dez discos com Miles Davis, além de parceiro de Thelonious Monk, Chet Baker, Herbie Han-

cock, Antonio Carlos Jobin, Eumir Deodato e Hermeto Pascoal. Nascido em uma família musical, Donald Vega tem 37 anos e um controle do pulso em todos os andamentos e transições que catequizou dois músicos de primeira linha para o projeto: o baixista Christian McBride e o baterista Lewis Nash. “Espiritualmente, esse é meu trio dos sonhos”, revela o nicaraguense apaixonado por música brasileira – influência logo sentida em faixas como a que intitula o álbum e em “Falando de amorTema de amor”, do próprio Jobin. Apesar da pouca idade, Vega parece um veterano, diante da facilidade dos fraseados que cambiam do bebop dos anos 1950 e 1960, do lirismo do piano de Bill Evans, até ritmos latinos - Outra homenagem é feita para Clifford Brown, mágico trompetista que, juntamente, com o baterista Max Roach, gravou o antológico “Study in Brown” (1955). Com meia dúzia de cliques e menos de vinte reais, a natureza espirituosa de Donald Vega envolve seu stereo. No Youtube, ao vivo em estúdio, quatro temas servem de menu degustação do cardápio completo.

Spiritual Nature Artista: Donald Vega Gravadora: Resonance Records Preço médio (amazon.com): U$8,99 (download) U$15,99 (CD+frete)

“Lonerism” Artista: Tame Impala Gravadora: Interscope Preço médio (amazon.com): U$9,90 (CD), U$7,99 (download) ou de graça, em streaming (vários sites)

DVD: JAZZ

Chet Baker: Cândido e iluminado No verão de 1952, então com 23 anos, Chet Baker encontrou um telegrama debaixo da porta de sua casa. Um amigo informava que Charlie Parker estava selecionando trompetistas para uma turnê pela Califórnia. Ainda que tocar com os saxofonistas Stan Getz e Gerry Mulligan tenha projetado seu nome no meio jazzístico, acompanhar o mítico ‘Bird’ era um sonho para qualquer músico – principalmente para um jovem recém dispensado do Exército por ser “inadaptável à vida militar”. Baker chegou atrasado ao teste, mas recebeu tratamento vip. Parker burlou a ordem dos candidatos e o convidou para o palco. Dois números foram suficientes para encerrar a audição. A vaga acabara de ser preenchida. De imediato, começaram as apresentações por clubes californianos. Esse convívio com o maior nome do jazz, até aquela década (posto roubado por Miles Davis a partir dos anos 1960), seria crucial

na formação artística e pessoal de Chet. Além da magnitude musical, Charlie Parker, um viciado em heroína, atuou como um pai protetor ao mantê-lo afastado de traficantes de drogas. “Toque como eu toco, mas não faça o que eu faço”. Mas o conselho não seria acatado. Enquanto conquistava o público feminino com seu olhar de James Dean, topete a la Elvis Presley e físico de atleta, a ponto de atuar em Hollywood e no cinema Italiano; e à todos com a maestria no trompete e com a voz suave e melancólica; tornou-se um junkie que acordava com baratas pelo corpo e era preso por porte de drogas a cada semestre. Como ídolos do rock, Chet morreu de forma trágica (e misteriosa) ao cair (ou se jogar?) da janela de um hotel em Amsterdã, em 1988. Acidente ou suicídio, sua relevância ecoou até na música brasileira, com seu estilo de cantar sendo fundamental no surgimento da bossa nova – sobretudo pelo

disco “Chet Baker Sings”. Por tudo isso, e pela sonoridade frágil, limpa e sóbria do cool jazz de Chet, é que o DVD “Chet Baker – Candy” (Biscoito Fino/2010) deve ser visto por quem concorda com Platão (“República”) quando ele diz que “A música é a parte fundamental da educação, porque o ritmo e a harmonia têm, no mais alto grau, tendência a se insinuar na alma, dominando-a”. São oito temas interpretados em uma biblioteca sueca, em 1985, cuja predominância é a intensidade e a introspecção. De chinelo e com apenas dois acompanhantes (piano e contrabaixo), músicas de Cole Porter (“Love for Sale”), Bud Powell (“Tempus fugue-It”) e do próprio Miles Davis (“Nardis”) coadunam com o sorumbatismo de Chet. Sua atitude pungente e cerebral é interrompida apenas três vezes. Na primeira, logo após a abertura, fala nas futuras viagens - inclusive na única vez que veio ao Brasil, para o Free Jazz

Festival daquele ano. Na segunda, interage com o pianista Red Mitchell sobre a música “My Romance”. E, por fim, encerra a ‘Jam’ cansado e prometendo voltar em cinco anos. Mas o caos interveio e o lançou na eternidade, solto na brisa holandesa.

“Chet Baker -Candy” Biscoito Fino Preço médio: R$48,00


Cidade

Sexta-feira

Natal, 26 de outubro de 2012

O Jornal de HOJE 19

Vídeos colaboram para lisura em concursos PROCURADORIA

DA

REPÚBLICA

NO

RN

EXPEDIU RECOMENDAÇÃO PARA GRAVAÇÃO EM PROVAS DE DESEMPENHO ORAL José Aldenir

VINÍCIUS SILVA FSVINICIUS@HOTMAIL.COM

Para garantir a lisura em provas de desempenho oral de concursos públicos, a Procuradoria da República do Rio Grande do Norte (PRRN) expediu recomendação para que o Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia ado Rio Grande do Norte (IFRN) e Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) registrem em vídeo essa etapa de seus certames. O objetivo é evitar que recursos impetrados por candidatos que se sentirem prejudicados se transformem em processos judiciais mais demorados. A ação da Procuradoria foi motivada depois que um candidato entrou com ação contra a aplicação da prova de desempenho num concurso do IFRN para a disciplina de Agronomia, ofertada no campus de Apodi. Na verdade, embora a recomendação tenha sido publicada na última terça-feira, esse tipo de medida já vem sendo adotada no Instituto Federal, pelo menos, desde

2011. Prova que no último processo seletivo para docentes, ocorrido em fevereiro, já houve o registro em vídeo da exposição de todos os candidatos que passaram para esta fase. A professora que dirige interinamente o setor de Gestão de Pessoas, Suzi Louzana de Melo, não soube precisar quando as gravações começaram a ser feitas, mas sabe que desde o ano passado acontece. Com relação ao caso do concurso para professor em Apodi, ela também não soube informar qual o desfecho do caso, já que o coordenador de concursos do IFRN está em treinamento fora da cidade. Na UFRN, a reportagem procurou a antiga Comissão Permanente de Vestibular (Comperve), agora Núcelo Permanente de Concursos, a fim de averiguar o uso dessas gravações. A professora Magda Pinheiro, que é a responsável pelo setor, disse que o Núcleo não precisa fazer utilizar esse instrumento comprobatório, já que eles são responsáveis pela elaboração de provas de vestibular e concursos que não têm essa fase de

exposição oral. Ainda na Universidade, procuramos o responsável pela Coordenação de Concursos, Rodrigo Otávio, que integra o setor da Pró-Reitoria de Gestão de Pessoas (Progesp), que é quem promove os processos seletivos para docentes. De acordo com ele, os certames até este ano não contavam com o registro das provas orais em vídeo. Porém, ainda segundo Rodrigo, a determinação foi incluída na Resolução nº 165 aprovada pelo Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão da UFRN. Ou seja, a regra já está em vigor, nos concursos para professores. Na recomendação expedida pelo procurador da PR-RN, José Soares, a gravação das provas orais tem o objetivo de reduzir o subjetivismo, combatendo possíveis favoritismos, fraudes ou abusos. Além disso, permite a correta reavaliação do desempenho dos candidatos, em caso de recurso. "Sem a gravação, ninguém sabe o que ocorreu durante a prova oral", acrescenta Soares.

IFRN, já em fevereiro passado, registrou em vídeo o processo seletivo para docentes da Instituição federal de ensino A ação da Procuradoria da República age conforme o que prega o Decreto 6.944/2009, onde se dis-

põe no parágrafo 3º, do art. 14, que havendo prova oral ou defesa de memorial em concursos, esta deve-

rá ser realizada em sessão pública e gravada para efeito de registro e avaliação.

> VESTIBULAR

UFRN tem 420 vagas destinadas para cotas sociais e raciais Wellington Rocha

Este ano, a Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) realiza seu último vestibular tradicional. A um mês da realização das provas, a instituição anunciou mais uma mudança no processo seletivo. Sai o argumento de inclusão e entra a Lei de Cotas, sancionada pela presidenta da República, Dilma Rousseff e publicada no Diário Oficial da União no último dia 15. Com a adesão à Lei das Cotas, a instituição está destinando 420 vagas (12,5%) do total de 3.015 destinadas ao vestibular tradicional. As outras 3.015 que completam o total de vagas são definidas pelo Sistema de Seleção Unificada (SiSU), que utiliza a nota do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) como forma de ingresso. Na UFRN, os 50% de cota que a lei determina serão alcançados em quatro anos, aumentando a cada ano 12,5%. Alei substitui o Argumento de Inclusão, por meio do qual a instituição oferecia um acréscimo de 10% na nota final do estudante que tivesse freqüentado a escola pública desde a 6ª série do Ensino Fundamental. A presidente da Comissão Permanente de Vestibular da UFRN (Comperve), Magda Pinheiro, explicou que como universidade já adotava o sistema de argumento ficou mais fácil aderir a Lei de Cotas. "Não houve grande mudança, pois o público que irá ingressar na UFRN através da Lei de Cotas é o mesmo que ingressava na instituição por meio do argumento de inclusão. O

Na Universidade Federal, 50% de conta serão alcançados em quatro anos que muda é que agora há o sistema de reserva de vaga", disse. No ano passado, o percentual de aprovados na UFRN por meio do argumento de inclusão foi de 12,5%, o mesmo índice exigido pela Lei de Cotas. Magda Pinheiro destacou que os critérios de desempenhos serão mantidos, com isso, mesmo com a Lei de Cotas, os candidatos terão que atingir o ponto de corte mínimo de 450 pontos para garantir a aprovação. "Com o argumento de inclusão, o candidato ganhava os 10% em cima do seu argumento, mas não garantia a sua aprovação. Com a reserva de

vagas, através da cota ele também tem que ter um desempenho bom e atingir o argumento mínimo, pois a reserva de vaga não é a garantia da vaga. Não é porque o candidato é negro que o seu ingresso na UFRN está garantido. Ele tem que passar pelos critérios de desempenho", explicou a presidente da Comperve. A presidente explicou que, no último dia do vestibular, que acontece de 25 a 27 de novembro, o candidato receberá um formulário para definir se quer concorrer pelo sistema de cotas, ou se prefere disputar as vagas restantes

pelo modo tradicional. Ele deverá identificar neste formulário sua renda per capita e a que raça pertence, entre negro, pardo ou índio. "A portaria da Lei de Cotas diz que a identificação da raça do candidato será por autodeclaração. Basta o candidato se declarar negro, que ele concorrerá dentro das vagas", afirmou. Para o curso de Medicina, por exemplo, estarão disponíveis 50 vagas para o vestibular tradicional. Desta, sete serão oferecidas exclusivamente aos alunos cotistas, e as outras 43 vagas à concorrência livre. As sete vagas reservadas serão divididas da seguinte forma: quatro para alunos com renda per capita igual ou menor a um salário mínimo e meio e três para quem tiver renda per capita acima de 1,5 salário mínimo. Os candidatos pardos, negros e índios que têm renda abaixo da determinada, disputam entre si três das quatro vagas. Os que tiverem renda acima desse valor concorrem a duas. Sobra uma vaga em cada caso para brancos da mesma faixa de renda. A mesma divisão acontece para os outros cursos, variando-se os valores de acordo com a quantidade de vagas. Uma cartilha está disponível a partir de hoje no site da Comperve (www.comperve.ufrn.br), orientando os candidatos e o novo edital do processo seletivo já alterado com as novas mudanças. A UFRN determinou a porcentagem para cada raça, de acordo com dados do IBGE.


20 O Jornal de HOJE

Natal, 26 de outubro de 2012

Cidade

Sexta-feira

Érika Nesi Moda & Atitude erikamnesi@hotmail.com

Ah, quer saber...

Studio TMLS abre em Natal As consumidoras mais exigentes e fashions de Natal agora têm mais uma opção para se produzirem. Isso porque a conceituada Studio TMLS, grife especializada em sapatos, abriu na última segunda-feira (22) na Rua Mipibú, em Tirol. A loja está aberta em soft open e já oferece alguns dos sapatos preferidos pela fashionista Julia Petit e a top model Alessandra Ambrósio. Vale aa pena conferir. Mais informações: Studio TMLS - 3212.1860

Lançamento da Brumani na Casa Cor Ontem, a querida Veruska Borges recebeu clientes e amigos no espaço assinado pelas arquitetas Janice e Ana Miriam, que estava belíssimo, com o foco no mármore e em muitas novidades no seguimento, tendo como patrocinador a empresa Mármore, que revoluciona no setor, trazendo pedras de todo lugar do mundo. O belísssimo espaço foi decorado com peças de Gabriel Terceiro. t t t Várias coleções em uma só Veruska montou em uma imensa mesa baixa uma verdadeira exposição de jóias que foi arrematada pelas flores de Laélia Bezerra. Vimos então, várias coleções simbolizando os mais diversos estilos de mulheres e seus mais diferentes estilos.

t t t

Litiane Senna e Pablo

Ana Míriam e Janice Elinor Alecrim

t t t Os espaços da Casa Cor Estão de parabéns todos que fazem a Casa Cor e, aqui, o fazemos em nome do querido César Revoredo, assim como Eduardo Gadelha que acreditou no projeto e revitalizou a Sam´s, que faz parte da história da cidade.

t t t

t t t CCAB Fashion Organizado pelos queridos Rafaela Rosito e Augusto Bezerril, que festejaram a chegada da estação mais feliz do ano, o verão 2013, ontem para finalizar, o top maquiador da Dermage, Denis Proença, ao lado da empresária Fátima Jales, reuniram o fashion people do pedaço.

Sexta tem show histórico da banda Titãs em Natal Nesta sexta-feira, dia 26, a banda Titãs traz para Natal um show histórico em comemoração aos 26 anos do álbum "Cabeça Dinossauro" e os 30 anos de carreira. Em turnê pelo país, o grupo aporta para uma apresentação única da turnê homônima ao álbum na Praia Devassa Beach Club, Via Costeira. A festa começa às 21h com a abertura dos portões e o show da banda Zero 85. A programação terá ainda a apresentação do projeto Sax in the House. Os ingressos estão à venda na Nokia (Midway Mall). Informações: 36205262.

Márcio Guedes e Flávia

Silvana/Eduardo Gadelha com Isabela Veloso

Ione Álvares e Carla Cantídio

As melhores músicas do Titãs O álbum "Cabeça Dinossauro" é um dos mais emblemáticos do rock brasileiro. Gravado pelos Titãs em 1986, marcou história, com suas músicas sendo cantadas até hoje por pessoas de todas as gerações. No palco, os Titãs tocarão os sucessos com os arranjos originais e na sequência em que foram editadas no disco, entre eles Cabeça Dinossauro, Aa Uu, Igreja, Polícia, Estado Violência, A Face do Destruidor, Porrada, Tô Cansado, Bichos Escrotos, Família, Homem Primata, Dívidas e O Quê.

t t t t t t Moda & Atitude No programa de domingo vamos mostrar o evento da Dermage, em seguida, no quadro Look Book, você vai aprender como usar em várias ocasiões a peça que é a vedete do verão: o short e para finalizar a festa de inaguração da Florbella.

Espírito roqueiro, aguerrido e irônico A apresentação contará ainda com outras músicas que vieram antes e depois do grande álbum, mas que mantém o mesmo espírito roqueiro, aguerrido e irônico, sempre com a marca registrada dos Titãs: música pulsante com letras fortes, diretas, que questionam e fazem pensar.

t t t A saia de Claudinha Leite é da NK by Donna Donna O figurino da cantora Claudinha Leite vem chamando atenção. Muito bem produzida, a loira arrasa todos os domingos no The Voice Brasil e semana passada ela usava blusa de Victor Zerbinato, aqui representado por Tereza Tinoco e a saia de couro e taxas douradas da NK, aqui em Natal, a Donna Donna tem a exclusividade da marca.

t t t

Cássio Paiva

Augusto Bezerril/ Rafaela Rosito Veruska e Kaká Borges

Nathi & Ju As blogueiras Nathália Faria e Juliana Flor Elali vão trazer em novembro para comemoração de 2 anos do blog Nathi & Ju, a dupla Betty´s, formada pela filha de Geraldo Alckmin, Sophia Alckmin , e Cris Tamer. Até amanhã!

Flip 26/10/2012  

cidade, esporte, opiniao, politica, cultura, economia

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you