Issuu on Google+

Quinta-feira

Ano XVI w NATAL-RN,

26 DE SETEMBRO DE 2013 w Nº 4.750

R$ 1,00 w jornaldehoje.com.br

> CRISE ADMINISTRATIVA

Juiz criminal de Mossoró defende o impeachment da governadora Rosalba CLAUDIO MENDES JÚNIOR, ATRAVÉS DO TWITTER, PARABENIZA O DEPUTADO NÉLTER QUEIROZ E DIZ QUE É PRECISO “USAR OS MECANISMOS CONSTITUCIONAIS QUE EXISTEM PARA AFASTAR MAUS ADMINISTRADORES, ÍMPROBOS E INCOMPETENTES” POLÍTICA 5 José Aldenir

> “FRUSTRAÇÃO DE RECEITA”

Governo poderá atrasar salários dos servidores Notícia do possível atraso no pagamento dos servidores públicos, que é programado para começar no dia 27 (amanhã), chegou à redação d'O Jornal de Hoje no final desta manhã. Informação não foi confirmada pelo Governo do Estado (que também não negou) e convocou coletiva de imprensa para às 15:00 horas. Sindicatos já ameaçam reiniciar paralisações caso se confirme o não recebimento. CIDADE 6

Marcos A. de Sá

ESCREVEM ARTIGOS NA EDIÇÃO DE HOJE Jean Valério

Página 7

Lenilson Carvalho José de Anchieta Cavalcanti Valério Mesquita Elizabeth Mafra Cabral Nasser João Medeiros Filho

w Multinacional inaugura Parque Eólico Asa Branca, com 160 MW, no Mato Grande. Greve da Polícia Civil e do Itep recebe apoio dos servidores da Saúde e Educação, além dos bancários e da PM. Ato conjunto é planejado para amanhã CIDADE 10

Alex Medeiros

OPINIÃO - Página 2

Heracles Dantas

> APROVADA NA CMN Página 11

w Dívidas interna e externa do Brasil atingem US$ 3 trilhões na era PT.

Danilo Sá Página 11

w Chapa com Henrique e Wilma pode causar problemas com o PT e isolamento de Robinson.

Prefeitura tem trinta dias para regulamentar a bilhetagem única Além do Sindicato dos Permissionários de Transporte Opcional, usuários do transporte público em Natal comemoram aprovação do projeto de bilhetagem eletrônica única para ônibus e alternativos. CIDADE 6

Daniela Freire

Wellington Rocha

> “SEM MÁGOAS”

Garibaldi diz que está “desarmado” em relação a Wilma

Página 12

w Rosalba e Carlos Augusto tentam convencer Agripino a não pedir mandato de Betinho.

POLÍTICA 3

Vicente Serejo

> SELEÇÃO BRASILEIRA

Felipão apresenta a lista de convocados para os amistosos

Página 13

w Há mais duas coincidências, uma antiga e outra nova, da bibliografia cascudiana.

Rubens Lemos F. Página 16

w O Cruzeiro está para ganhar o Brasileirão mais fácil dos últimos dez anos. INDICADORES: Dólar comercial R$ 2,23 Dólar turismo Dólar/Real

R$ 2,29 R$ 2,23

Euro x real R$ 3,01 Poupança 0,50%/0,41% Taxa Selic 9%

ESPORTE 16

> DIA NACIONAL DOS SURDOS > ‘PELA LUZ DOS OLHOS TEUS’ Deficientes auditivos Andiara Freitas faz cobram implementação show em homenagem das leis de inclusão social

E-MAIL REDAÇÃO:

jornalismo@jornaldehoje.com.br

CIDADE 8

a Vinícius de Moraes

CULTURA 17

ACESSE O SITE:

www.jornaldehoje.com.br

SIGA-NOS NO TWITTER:

@jornaldehoje

TOTAL DE PÁGINAS NESTA EDIÇÃO

20 CMYK


2 O Jornal de HOJE

Artigo

Opinião

Natal, 26 de setembro de 2013

JEAN VALÉRIO, jornalista, (jeanvalerio@gmail.com)

Amancio

Quinta-feira

Artigo

amancionatal@gmail.com / www.chargistaamancio.blogspot.com

Manifesto ao Fifa Fan Fest na praia do Forte Primeiro quero destacar que opino como jornalista e cidadão natalense. Porém com a experiência de ter sido secretário da Copa de Natal. Não sou político. Não sou ligado a políticos. Penso exclusivamente no bem da cidade. Desejo toda a sorte e sucesso a atual gestão da Prefeitura de Natal. Sempre me coloquei à disposição, e me coloco, para colaborar. Algo me chamou atenção esta semana: A decisão da Prefeitura em modificar o local do Fifa Fan Fest, evento de grande importância durante a realização da Copa do Mundo da Fifa Brasil 2014 em Natal. Talvez até mais importante do que os jogos na Arena, uma vez que a população terá acesso aos mega telões, shows nacionais e jogos da nossa seleção brasileira. É uma insensatez enorme a desistência da realização do evento na Praia do Forte, próximo à ponte da Redinha. Foram anos de debate e planejamento antes da decisão pelo local. Primeiro era a resistência do atual governo porque a ponte tinha sido construída pelo governo passado. Vencemos este obstáculo mesquinho. Não quero crer no retorno de uma apequenada discussão. Vejam que é a imagem de Natal que será projetada para o mundo. É a fotografia de Natal que entrará para a história e terá força durante pelo menos 10 anos. A nossa fotografia, pensada sob o ponto de vista do marketing e ainda avaliando as condições de transporte e segurança, é a foto do encontro do rio com o mar, do pôr do sol inigualável, da multidão na beira da praia com o nosso Forte dos Reis Magos ao fundo. Milhões e milhões de pessoas no mundo, que nunca ouviram falar de Natal, conheceriam nossas belezas, num simples olhar para a imagem mais bela de todas as cidades sedes. Não tenho dúvidas. A Prefeitura tem todo o direito, e é louvável que o faça, de brigar para reduzir os custos levados ao erário público. Reduzir sim. Não fazer jogo de cena. A verdade é

Artigo

que uma mudança para o Centro de Convenções só aumentaria os custos e afastaria a festa da população mais carente. É possível economizar realizando parcerias. E tenho certeza de que uma estrutura temporária na região do Forte dos Reis Magos, onde foi realizado o espetáculo Bote Fé (um sucesso aliás e qualquer pesquisa no Google pode comprovar isso), sai muito mais barato do que bancar a festa dentro do suntuoso Centro de Convenções. Que imagem venderemos ao mundo? Do povo cercado dentro de um galpão? Quanto custará esta brincadeira? Quanto custará à cidade perder esta oportunidade única? Quando teremos novamente a chance de mostrar ao mundo o potencial turístico da nossa cidade? Vamos parar de hipocrisia. E apresentar as planilhas e as possibilidades de viabilização do evento. É hora dos empresários ligados ao turismo, das entidades representativas, como ABIH, CVT, AMHT e correlatas, participarem do debate. E o Governo do Estado, que acompanhou os estudos e a escolha do melhor local, também assistirá passivo? Para facilitar o nosso entendimento, lembro que a cidade de Durban, na África do Sul, era uma simples desconhecida do planeta. Realizou o Fifa Fan Fest na beira da praia. Uma imagem. E a cidade foi admirada pelo mundo por conta da beleza natural e do povo festeiro. O turismo de Durban explodiu. A economia local destoa do restante do país. Por isso, antes de jogar para a platéia, é preciso avaliar tecnicamente as conseqüências que o fato gerado terá para a nossa cidade. Aqui deixo o meu apelo à Prefeitura de Natal para que possa reavaliar ou ao menos colocar em debate com uma máxima urgência esta questão. Para que no futuro não paguemos um elevado preço pela omissão. Para que não constatemos depois que tudo não passou de uma farsa para beneficiar o interesse de uns poucos em detrimento de toda a comunidade.

LENILSON CARVALHO, cirurgião-dentista, professor e escritor (lenilsoncarvalho@hotmail.com)

Curiosidades da Odontologia (57) Nossos pensamentos, nossas palavras, mulheres com mais de 50 anos apresennossos atos, são fios de uma rede que tam redução na densidade mineral óssea tecemos ao redor de nós mesmos. e 16% apresentam osteoporose. Swami Vivekananda 4) Engenharia Genética revoluciona a Odontologia – A proteína morfogené1) Literatura – Abrochou os lábios e tica é a mais nova aliada da Odontologia deu-lhe um beijo na boca. Machado de mundial. Conhecida como BMP-2, é um Assis – Várias histórias. biomaterial, amplamente testado, capaz Rugas ao lado da boca, acentuavam o de transformar células tronco em células ar de cansaço. Solange Lajes – Passagem. especificas para a formação óssea, permi2) Cefaleias secundárias de origem tindo a colocação de implantes dentários odontológica – As denominadas "Disfun- em pessoas com acentuada perda óssea. ções da ATM" talvez sejam as principais Através de um procedimento cirúrgiresponsáveis por dores craniofaciais de co muito simples, rápido e indolor, mesmo origem odontológica, embora as dores nos casos mais extensos. dentárias referidas, as infecções buco-denGraças à utilização da engenharia tetárias e os cistos e tumores da boca, tam- cidual regenerativa, inúmeros casos que, bém mereçam atenção. até então, necessitavam de técnicas cirúr3) Osteoporose e a Odontologia – Esta gicas extremamente invasivas, isto é, redoença retarda a regeneração óssea maxi- movendo um enxerto de outra região, lar e mandibular em pacientes que se sub- foram solucionados de uma maneira menos metem ao tratamento de implante dentário. dolorosa. Afeta a população idosa em todo o Este procedimento proporciona mais mundo. Estudos revelam que 56% das conforto ao paciente.

Artigo

JOSÉ DE ANCHIETA CAVALCANTI, advogado e membro da regional Natal da Seicho-No-Ie (joselito@supercabo.com.br)

Melhora dos pais e filhos pelo uso das palavras positivas Na realidade, o uso das palavras positivas se nos apresentam como algo da mais alta importância. É indispensável que não apenas na área da educação mas em todos os campos da atividade humana, o poder da palavra seja usado corretamente para que a eficiência das pessoas seja aumentada. Que coisa maravilhosa seria se com o uso permanente de palavras positivas, se com o uso das palavras que retratassem a verdade, pudesse essa mesma humanidade aumentar em vinte ou trinta por cento a capacidade real de seus integrantes! Isso, sem nenhuma dúvida, poderá ser alcançado se todas as pessoas habitantes desse velho mundo se dispuserem a praticar os fabulosos ensinamentos da Seicho-No-Ie. Não é possível se querer a melhoria das pessoas dirigindo-lhes palavras tais como: Você é um mau indivíduo! Procure melhorar! Porém se lhes dirigimos palavras elogiosas e estimulantes como "Você é uma pessoa realmente boa, e, por isso, só pratica atos bons. Você é um maravilhoso filho de Deus, e, portanto, é sem defeito algum" todos impreterivelmente acabam melhorando. Observamos, que o "Movimento de Iluminação da Humanidade" que a Seicho-No-Ie vem pondo em prática, baseia-se principalmente no poderoso "poder da palavra". É um movimento de ordem filosófica e uma literatura que prova com bases na ciência a "Grande Verdade" de que este mundo fenomênico que nós vemos é projeção da mente. É necessário que difundamos esse conhecimento a todas as pessoas do mundo. Quando esse fato vier acontecer teremos, realmente, um mundo verdadeiramente iluminado. Na realidade, os ensinamentos da Sei-

cho-No-Ie, não se aplicam especialmente à cura de doenças. Eles devem ser aplicados na educação infantil, em problemas domésticos e nas demais questões da vida prática. No volume 25 de "A Verdade da Vida" em sua página 58 que analisa a Educação Prática da Seicho-No-Ie assim se refere seu autor: "Há muitos casais que se queixam de que sua vida conjugal não vai bem. Também nesses casos, concretiza-se a harmonia quando cada um dos cônjuges passa a reconhecer a Perfeição da Imagem Verdadeira do outro e a expressá-la com palavras de louvor. Geralmente, a causa da desarmonia conjugal está no fato de a esposa não elogiar o marido, criticando-o constantemente. A maioria dos homens, embora pareça forte aos olhos dos outros, é fraco em relação à esposa. Mesmo um homem que mantenha ares de prepotência no trato com os outros, sentir-se-á se sua esposa lhe disser com desprezo: "Não adianta ficar com esse ar de homem importante, pois sei muito bem que você não é nada disso que procura parecer. Conheço todos seus defeitos e vícios". Mesmo aquele capaz de enfrentar milhares de inimigos, sucumbe a uma frase ou um gesto de desprezo de sua esposa. Se a esposa em vez de criticar o marido, reconhecer-lhe as qualidades e o elogiar sinceramente, ele poderá melhorar cada vez mais". Já no caso das crianças citado em outros artigos vemos que as vibrações mentais dos pais influem nos filhos. Muito cuidado, portanto, com o uso e emprego das palavras em nossos relacionamentos, pois elas podem elevar ou arruinar definitivamente a vida humana em sua incessante luta pelo progresso e ascensão espiritual!

JOÃO MEDEIROS FILHO, padre, escritor e membro da Academia Norte-RioGrandense de Letras (pe.medeiros@hotmail.com)

Origem do nome papa e títulos atribuídos

Artigo

VALÉRIO MESQUITA, escritor (mesquita.valerio@gmail.com)

Os líderes não morrem A personalidade de Dinarte de Medeiros Mariz foi, permanentemente, como todo grande destino humano, pleno de pressões e fulgurações. Corneille afirmou que "não existe glória sem perigo". Dinarte fez de sua vida um culto incessante e fiel à arte política. Fez dela o seu universo mágico, multidimensional. Era um homem múltiplo a serviço de fiéis compromissos com sua visão de vida política, sem nunca haver se exaurido. Conheci-o na praça pública de minha terra, quando era um adolescente curioso. Acompanhei os seus passos até o seu encantamento em julho de 1984. E ao longo dessa trajetória, percebi que nele vibrava o dizer inquietante de Steinbeck: "viveu as dificuldades, as impossibilidades. Amou a vida e acreditou no esforço humano que seja ele qual for, é sempre preferível ao repouso contemplativo". O seu vigor se retemperava nas lutas do dia a dia, ao simples contato com as forças positivas da ambiência seridoense. Era um indormido pastorador de nuvens e de estrelas, de chuvas e de frutos sertanejos, e seus olhos que viram todas as paisagens da variada geografia humana, se reacendiam e se iluminavam de uma mágica fosforescência azul, ao contato com os espaços e a suas baterias emocionais para permanecer vigilante, dia e noite, na guarda e defesa dos anseios de sua gente e sua terra. Recordá-lo é tarefa que desperta emoção, porque nele se confundem o

Artigo

humano e o político, simbiose que forma uma destinação singular de coragem, audácia, mas, sobretudo, estratégia, produto maior de quem conheceu seu chão sem perder a ternura dos céus do Seridó. Cito Pablo Neruda: "Ele sabia compartilhar conosco o pão e o sonho". Dele se pode aduzir que foi um predestinado. Sua vida era um constante pendular entre a solidão e a multidão, os dois pólos de sua permanente e indissolúvel comunhão e convivência com o semelhante. Um bandeirante que conquistou na força da generosidade do seu grande coração, ungidos pelas virtudes cívicas e fidelidade às suas devoções, inquestionável liderança no Rio Grande do Norte. O velho senador chegou a conhecer mais profunda e sabiamente a alma do seu povo e a consciência do seu tempo, ouvindo com paciência apostolar, os reclamos, as preces, e as angústias emanadas das relações interiores da alma coletiva. Nunca se esquecerá nem será deslembrado nas quebradas e nas serras dos nossos sertões, nas ruas e nas praças do interior, o timbre forte de sua voz de comando, como se fosse o som retornado de um clarim, despertando as notas pungentes adormecidas nas memórias da estima sentimental. Ele foi um grande nome nacional. Projetou-se pela simpatia contagiante, pela grandeza de compreensão do fato político, pela intuição predestinadora como presença significativa no imenso anfiteatro da história políti-

ca brasileira, em vários instantes e latitudes. Nunca um pseudônimo se adaptou tão bem a um homem público e seu representante, que refletisse ao vivo o seu todo espiritual, como o de "Velho Capitão". Porque Dinarte desenvolveu um ritmo inimitável de ascensão no sentido de alcançar a luz, o meio-dia, a lucidez pela vibração sintonizadora de sua humanidade, com sua tolerância e vasta sensibilidade. Foi capaz de compreender o legado dos seus ancestrais e apaixonou-se pela causa pública no firme desiderato de dar glória ao seu Rio Grande do Norte. Se foi o criador da nossa Universidade, foi também o Mecenas de jovens estudantes pobres, a quem a vida subtraiu facilidades, abrindo para eles horizontes de educação. Dinarte é um mundo de reminiscências que vive em todos nós. Repito o que disse há décadas atrás, em artigo publicado no livro "Dinarte 80 anos". "Na oportunidade da celebração dos seus 80 anos, vejoo líder, ancião e menino. Renovado sempre. Sempre tendo algo a dizer e a fazer. Dele se poderá afirmar sempre a penúltima palavra, mas nunca a última". Concluindo essas reminiscências, afirmo que o homem não passa de uma extensão do espírito do lugar. Tudo se desfaz, menos os elos nativos que prendem o homem à terra. O homem será sempre prisioneiro de sua origem. Dinarte é Caicó, Serra Negra e Solidão. Foi, é, e será, sempre líder.

ELIZABETH MAFRA CABRAL NASSER, antropóloga (elizabeth.nasser@gmail.com)

Influência do negro e preconceito No Brasil, como nos países do dito Primeiro Mundo, o preconceito contra o negro foi cada vez mais aprofundado por conta da escravidão. Hoje, mesmo após o "politicamente correto", um preconceito mascarado sobrevive. David Brookshau, no seu livro Raça e Cor na Literatura Brasileira, afirma, "o negro mesmo antes de ser escravizado tinha um defeito que para muitos serviu de justificativa para sua escravidão, e esse defeito era sua cor." A cor negra na cultura ocidental sempre teve uma conotação negativa em contraposição ao branco, que define o certo, asseado, purificado. Quem já não ouviu o refrão: "negro de alma branca", para definir um negro que se comporta de acordo com os padrões ditados pelos brancos Apenas a partir dos anos 20 e 30, no Brasil, apesar da abolição da escravatura ter sido em 1888, uma nova onda de nacionalidade incorporou a cultura afrobrasileira, à literatura, principalmente no Nordeste com Gilberto Freyre, Jorge Amado, Coelho Neto, Graça Aranha, Afrânio Peixoto. Até mesmo alguns escritores negros ou mulatos conseguiram galgar a barreira do preconceito e se destacarem, como Machado de Assis, Cruz e Souza, Henrique Castriciano, Auta de Souza, Luiz Gama (poeta afrobrasileiro). Mas isso não foi suficiente para eliminar de vez com o preconceito, com o tratamento pejorativo às manifestações de origem afro. Aqueles que mantêm o preconceito parecem esquecer da grande importância da matriz negra para a formação da cultura e do povo brasileiro. A introdução de africanos no nosso país contribuiu não só na cultura como na formação do tipo físico brasileiro. O escravo africano exerceu uma influência preponderante na nossa formação, não obstante a visão negativista dos intolerantes. Um dos aspectos mais destacados dessa influência é a religião, denominada Candomblé, Umbanda, ou mesmo Quimbanda - quando supostamente trabalha-se com magia negra - que se fundiram as várias formas de cultos, adaptando-se ou moldando a nossa religiosidade, de forma altamente sincrética, com elementos ameríndios, católicos e espíritas. Um exemplo maior da fusão seria Nossa Senhora que no Candomblé é reinterpretada como Iemanjá. A

celebração do culto se faz em templos ou locais próprios que aqui receberam a designação leiga de: terreiros, umbanda, candomblé, macumba e vários outros, a depender da região ou da linha seguidas. Os especialistas tratam o tema com mais precisão e têm estudado muito o sincretismo com o catolicismo e o espiritismo - de origem européia ou ameríndia - sobretudo o primeiro, na adaptação dos santos destes às entidades afro. No início os africanos não tiveram liberdade para a prática dos seus cultos religiosos, considerados coisas do diabo. Com o passar dos anos, brancos e negros aprenderam a conviver religiosamente. O objetivo religioso de ambos convergia: a adoração e oferendas aos deuses e outras entidades africanas e as promessas aos santos mostraram semelhanças que ajudaram as confluências. Podemos dizer que a religião afro hoje é um produto já brasileiro, resultado do processo transculturativo, e não uma prática pura ou exclusivamente do negro africano. Além disso, devemos ao elemento afro a influência em inúmeros aspectos da vida brasileira. Nas técnicas de cultivo, na alimentação, no vestuário, nas danças e cantos, na língua. Muitas palavras de origem africana estão incorporadas ao português brasileiro. A própria economia brasileira por muitos séculos baseou-se na força de trabalho do escravo negro. Na culinária vamos encontrar vários pratos da cultura afrobrasileira; inhame, azeite de dendê, vatapá, bobo, acarajé, abará, efó, etc. Foi grande a influência na indumentária, panos vistosos, saias rodadas, xales da costa, braceletes, argolões, colares, etc. Com a mistura dos grupos africanos veio a figura típica da baiana; turbante ou rodilhas na cabeça, chinelinhos, saias rodadas, blusa com babados, etc. Também introduziram na nossa cultura, objetos de bronze; tanto para os pejís, seus altares, como para as casas como utensílios domésticos. Exerceram grande influência nas danças e na música, com os maracatus, aspectos do bumba-meu-boi, o lundu, o samba, o coco, o reisado. A capoeira, antes considerada coisa de malandro, é hoje definida como esporte nacional. O samba, no início do século XX, foi um ritmo que sofreu repressão, para com o fluir do

tempo tornar-se símbolo nacional. A mulher negra servindo sexualmente os seus senhores constituiu-se na matriz da forte mestiçagem na atual população brasileira, aspecto destacado como positivo por Gilberto Freyre para a nossa brasilidade. Sua participação foi decisiva na vida da família patriarcal brasileira. Exemplifique-se com a figura da mucama, ama de leite, tratando e amamentando os filhos dos seus senhores. Alie-se a isso, por falta de remédios industrializados, o aspecto delas começarem a introduzir o conhecimento afro na medicina popular, extraída das plantas locais. Também eram as negras que se encarregavam da cozinha da casa grande, participando da transformação da culinária com o uso de novos ingredientes e temperos, fossem de origem africana, portuguesa ou indígena. Muitos outros aspectos poderiam ser abordados considerando o quanto devemos à influência do negro na cultura brasileira. Ou que essa interferência, em muitos aspectos, seja inferior, por suas origens "raciais", a qualquer outra que contribuiu para nossa nacionalidade, como querem os preconceituosos recalcitrantes. Arthur Ramos, o grande estudioso da antropologia brasileira, já nos mostrou nos anos 50, o quanto é inócuo e sem base científica querer caracterizar-se a questão racial no Brasil. Todos os contatos humanos que se processaram no país, durante nossa formação, não se limitaram apenas aos grupos básicos - negros, brancos e índios, mas entre seus "produtos derivados". As denominações populares é que consagraram desde cedo as misturas resultantes: branco x negro, mulato; negro x índio, cafuso; branco x índio, mameluco. É uma pena que ainda hoje persista essa mentalidade racista e preconceituosa. É uma pena que ainda se ouça que a infelicidade do Brasil é ter sido formado pelo "português ladrão, o negro burro e o índio preguiçoso", como se fossem qualidades geneticamente determinadas e não qualificações desprovidas de sentido. E o pior é que conceito tão insensato não é emitido apenas por iletrados, mas por cidadãos que se dizem bem formados e informados. Mas um dia eles se conscientizarão (será?) que nossos problemas não procedem dos cruzamentos genéticos, mas são de fundo político e sociocultural.

De acordo com o Anuário Pontifício, Jorge Mário Bergoglio, que recebeu o nome papal de Francisco, é o 265º sucessor do apóstolo Pedro. Este, segundo o relato de Mateus (no capítulo 16 do seu evangelho) foi escolhido por Jesus por Cristo como chefe de sua Igreja. "Tu és Pedro e sobre esta pedra edificarei a minha Igreja". O que significa a palavra papa? Para alguns pesquisadores, o étimo provém das primeiras letras da frase latina: "Petrus apostolus, princeps apostolorum". Pedro apóstolo, príncipe dos apóstolos. No entanto, para outros, o termo possivelmente origina-se do latim "Papa", que por sua vez deriva do grego, (Pappas), uma palavra carinhosa equivalente a papai. A partir de 1075, a expressão é usada exclusivamente para designar o Bispo de Roma. E Gregório VII, no documento "Dictatus Papae", estabelece: "Quod hoc unicum est nomen in mundo" (Que este seja o único nome no mundo). Desde então, o Sumo Pontífice passa a ser chamado assim. No entanto, ao longo dos séculos, outros títulos e nomes foram acrescentados ao cargo e à função eclesial do Bispo de Roma: Vigário de Jesus Cristo, Sumo Pontífice da Igreja Universal, Patriarca do Ocidente, Primaz da Itália, Metropolita da Província Romana, Soberano do Estado da Cidade do Vaticano. Gregório Magno (590604) criou o aposto de uma fórmula evangélica de humildade: "Servus servorum Dei" (Servo dos servos de Deus). Francisco vem se apresentando simplesmente como Bispo de Roma, pois se trata do ministério sacerdotal e petrino. Ele se atém ao seu múnus pastoral e declina dos títulos, usados pelos seus antecessores. Assim aconteceu, quando de sua primeira aparição, logo após ser eleito, em outros pronunciamentos e também ao falar aos representantes do Conselho Episcopal Latino-americano - CELAM, na Jornada Mundial da Juventude, em julho passado, no Rio de Janeiro. Um decreto de Nicolau II, datado de 1059, estabeleceu que apenas os cardeais sejam os eleitores do sucessor de Pedro, para cuja escolha deve haver um sufrágio favorável de dois terços dos votos válidos. João Paulo II, em 1996, determinou que o conclave não poderá ultrapassar 120 eleitores e estes devem ter menos de 80 anos. É costume o Sumo Pontífice morar no Palácio Apostólico do Vaticano, cuja edificação teve início em 1198, no pontificado de Inocêncio III. Até Bento XVI, os aposentos papais situavam-se no terceiro andar do referido palácio, de onde assomava para a oração dominical do Angelus ou Regina Coeli e bênção apostólica aos fiéis e peregrinos. Durante os meses de verão, o bispo de Roma desloca-se para a residência de Castel Gandolfo, nas colinas do Albano. O papado mais longo da história da Igreja foi o de Pio IX, que reinou por trinta e um anos. O mais longevo de todos os Sumos Pontífices foi Leão XIII, que viveu 93 anos. A partir de 532, quando Mercúrio foi eleito Bispo de Roma, os papas começaram a usar nomes diferentes daqueles da pia batismal. Isto aconteceu porque Mercúrio - que veio a se chamar João II - não quis associar o nome do Pontífice a uma divindade pagã da cultura romana. Na relação apresentada pelo Anuário Pontifício, temos uma lista de 82 nomes diferentes. Os mais usados são: João, 23 vezes; Gregório e Bento, 16; Clemente, 14; Inocêncio e Leão, 13 e Pio, 12. Temos apenas o registro de um nome duplo, que é João Paulo. Peçamos a Deus que Bergoglio, ao escolher um nome expressivo de um projeto de vida e pontificado, seja também precursor de uma Igreja reconstruída e renovada, como fora o "Poverello de Assis".

O JORNAL DE HOJE recebe colaboração pelo correio (Rua Dr. José Gonçalves, 687 - Lagoa Nova - Natal-RN, CEP 59056-570), por fax (0xx84 3221-5058) e por e-mail: artigos@jornaldehoje.com.br. Pede-se que os textos sejam concisos e contenham nome completo, RG, CPF, endereço e telefone. O JORNAL DE HOJE se reserva o direito de selecionar e publicar trechos.

NOTÍCIAS QUE OS OUTROS PUBLICARÃO AMANHÃ

OJORNALD EHOJE DIRETOR-EDITOR Marcos Aurélio de Sá DIRETOR ADMINISTRATIVO Marcelo Sá DIRETORA DE REDAÇÃO Sylvia Sá

EDITORES Danilo Sá Fernanda Souza Juliana Manzano EDITOR DE POLÍTICA Túlio Lemos

w w w . j o r n a l d e h o j e . c o m . b r EDITOR DE ESPORTES Fábio Pacheco EDITORA DE CULTURA Anne Caroline Medeiros EDITOR RESPONSÁVEL / PORTAL JH Wagner Guerra GERENTE COMERCIAL – Karina Mandel

ASSINATURA ANUAL Capital: R$ 210,00 Interior (via ônibus): R$ 250,00 Interior e outros Estados (via correios): valor da assinatura + o custo da postagem EXEMPLAR AVULSO R$ 1,00

ASSINATURA SEMESTRAL Capital: R$ 130,00 Interior (via ônibus): R$ 150,00 Interior e outros Estados (via correios): valor da assinatura + o custo da postagem EDIÇÃO ATRASADA R$ 4,00

O JORNAL DE HOJE se reserva o direito de não aceitar informes e material publicitário que infrijam as leis do país e a ética jornalistica. Informações, comentários e opiniões contidos em artigos assinados não possuem, necessariamente, o endosso da Direção. Só é permitida a reprodução de matérias com prévia autorização escrita e com a citação da fonte em destaque

REDAÇÃO E OFICINAS: Rua Dr. José Gonçalves, 687 - Lagoa Nova | Natal - RN - CEP 59056-570 |Brasil - Telefax: (84) 3211-0070 ramal 214 - Assinaturas: (84) 3221-5058 | jornalismo@jornaldehoje.com.br - www.jornaldehoje.com.br Editado e publicado por RN Gráfica e Editora Ltda. http://www.jornaldehoje.com.br - jornaldehoje@digi.com.br - jornaldehoje@uol.com.br - artigos@jornaldehoje.com.br - administracao@jornaldehoje.com.br - jornalismo@jornaldehoje.com.br - assinaturas@jornaldehoje.com.br - comercial@jornaldehoje.com.br


Política

Quinta-feira

Natal, 26 de setembro de 2013

O Jornal de HOJE 3

Garibaldi se diz “desarmado” em relação a Wilma de Faria APÓS OS DOIS ASSUMIREM NÃO HAVER “MÁGOAS”, MINISTRO VOLTA A DEMONSTRAR ABERTURA PARA ALIANÇA COM PSB Heracles Dantas

ALEX VIANA REPÓRTER DE POLÍTICA

O ministro da Previdência, Garibaldi Filho (PMDB), disse hoje que há "desarmamento" político entre ele e a ex-governadora Wilma de Faria, presidente estadual do PSB e adversária dele na última disputa pelo Senado, em 2010, quando a atual vice-prefeita de Natal foi derrotada por ele e pelo senador José Agripino (DEM). O ministro disse ainda que "política não se faz com ressentimento". "Eu acho que não tem muito o que declarar sobre isso, a não ser que há esse desarmamento de espíritos, mas a política, eu já disse no discurso, e ela afirmou nessa entrevista, não se faz com ressentimento", declarou o ministro, ao ser abordado pela reportagem de O Jornal de Hoje sobre as recentes declarações da ex-governadora, afirmando que "não há mágoas" em relação ao ministro. Em entrevista à 96 FM, Wilma disse que o ministro Garibaldi não precisa ter mágoas dela, porque, tanto ela venceu o ministro, em 2006, quando ela disputou a reeleição para o governo do Estado, quanto o ministro venceu a pessebista, na última disputa senatorial. "Eu acho que não tem mágoa, porque se for por isso, ele também já me venceu", respondeu Wilma ao

Garibaldi Filho disse haver “desarmamento de espírito” porque político “não se faz com ressentimento” ser questionada sobre a declaração do ministro Garibaldi. "Não é para ter mágoa, nós temos que pensar é no futuro do RN. Temos que discutir o projeto para o RN, fazer diagnóstico da situação vexatória que temos passado, é um momento difícil. São muitas notícias negativas. Nós sentimos o povo com um sofrimento muito grande pelos serviços que não estão funcionando. É muito preocupante", afirmou Wilma de

Faria. ALIANÇA Instado a falar sobre a possibilidade de aliança entre PMDB e PSB para as eleições de 2014, o ministro da Previdência, Garibaldi Filho, disse não enxergar nenhuma dificuldade, disse, ressaltando, entretanto, que não há nada de concreto em relação a isso. "Não há nenhum fato novo. Eu acredito que pode (haver composição), não há

José Aldenir

Wilma de Faria disse também não possuir mágoas do ex-adversário devido a derrota de 2010

nada concreto. Concretamente, eu pelo menos não participei de nenhuma articulação", afirmou. Ainda sobre eventual futura aliança com o PSB, além de enfatizar que não há nada de concreto, o ministro deixou claro que quem irá anunciar qualquer novidade será o presidente do partido, Henrique Eduardo Alves. "Não há nada de concreto, se há possibilidade de haver uma composição, pode vir a ter. Mas não tem nada

de concreto, e não seria eu que iria anunciar". HOMENAGEM Nesta sexta, o presidente da Câmara dos Deputados, Henrique Alves, dirigente do PMDB no Rio Grande do Norte, confirmou uma homenagem da Câmara dos Deputados à ex-governadora Wilma de Faria, que foi deputada federal constituinte em 1988. Nos bastidores, a interpretação foi de uma reaproxima-

ção entre o PMDB e a socialista. Para Garibaldi, porém, envolver a homenagem com a política é diminuir a celebração da Constituinte. "Esta é uma iniciativa de Henrique, como presidente da Câmara, para não deixar o RN de fora dessa homenagem e homenagear os constituintes. Envolver isso com política é até diminuir o que vai acontecer na Câmara quando da celebração da Constituinte", observou.

Ministro revela “dificuldade” para PMDB ter candidato próprio Embora o PMDB tenha anunciado que terá candidato próprio a governador, o ministro Garibaldi disse que a legenda está enfrentando "dificuldades e resistências" da parte de integrantes. "Há um esforço muito grande da nossa parte e dos peemedebistas para termos esse candidato próprio. Isso é verdade. Agora, há dificuldades, e há resistências, por

parte de alguns nomes. E isso eu confesso que já está se tornando meio constrangedor. Não para mim apenas, mas para os outros. Mas estamos fazendo esforço para ter candidato", disse o ministro. Garibaldi disse ainda que enquanto não houver a definição do candidato do PMDB, o partido não se pronunciará sobre

apoio a candidatos de outros partidos. A referência indireta é ao o vice-governador Robinson Faria (PSD) e ao prefeito de Natal, Carlos Eduardo Alves (PDT). "Robinson não é o candidato próprio, nem outros, enquanto houver essa possibilidade de o PMDB ter candidato. Carlos Eduardo também. Ele não é do PMDB. E enquanto houver

esse esforço (por candidatura própria), esses nomes não estão incluídos", afirmou. O ministro ressaltou que essa posição, porém, não significa de maneira nenhum veto, seja a Robinson, seja a Carlos Eduardo. "Não significa veto ou restrição, e se o partido evoluir, não significa que não podemos apoiar um desses nomes".

CONVERSAS Após o rompimento político do PMDB com o governo Rosalba Ciarlini, o ministro Garibaldi manteve conversas tanto com Robinson, aqui em Natal, quanto Carlos Eduardo, em Brasília. Em ambos os casos, houve conversas políticas especialmente de sondagens sobre a sucessão de 2014. Tanto Robinson quanto Carlos

Eduardo poderá ter o apoio do PMDB, sobretudo se o partido optar por não apresentar nomes para as eleições do ano que vem. Entre os nomes cotados do PMDB para disputar o cargo de governador, figuram o de Garibaldi e o do presidente da Câmara dos Deputados, Henrique Eduardo Alves. O deputado Walter Alves já declarou que é candidato à reeleição.

> EM DEFESA DA SEDE PRÓPRIA

Câmara aprova hoje possibilidade de reeleição para Albert Dickson Os vereadores da Câmara Municipal de Natal devem aprovar na sessão plenária da tarde de hoje o projeto que altera a Lei Orgânica do Município e permite a reeleição para presidência da Casa em uma mesma legislatura. Com isso, o vereador Albert Dickson (PP) poderá renovar seu mandato para o biênio 2015/2016. Para mudar a legislação, são precisos pelo menos 20 votos dos vereadores. Até hoje pela manhã, o cálculo dos apoiadores de Albert é que 22 parlamentares já haviam se posicionado de forma favorável a continuidade do pepista no cargo, com divergências pontuais apenas em relação a data da eleição e a formação da mesa diretora. Em entrevista a O Jornal de Hoje, Albert explicou que seu objetivo em continuar no cargo é voltado principalmente para transformar em realidade o projeto de uma

sede própria para a Câmara. Ideia do parlamentar desde que assumiu o cargo, em janeiro deste ano, a proposta é erguer um prédio no bairro da Redinha, zona Norte da cidade. Com uma sede própria, o Legislativo teria condições de economizar cerca de R$ 70 mil por mês apenas com os aluguéis dos prédios onde funciona atualmente, o Palácio Frei Miguelinho e os anexos vizinhos, onde funcionam os gabinetes, em Petrópolis. Além disso, Albert acredita que a mudança de endereço levaria mais desenvolvimento para aquela região. Ainda de acordo com o parlamentar, o prefeito Carlos Eduardo também planeja aproveitar a iniciativa do Legislativo para erguer, no terreno vizinho onde funcionará a futura Câmara, o centro administrativo municipal. A ideia é a mesma, eliminar os gastos com alu-

José Aldenir

Vereador articula alteração na Lei Orgânica para poder prolongar atual mandato guéis, hoje um dos maiores custos da cidade. Atualmente, é permitida a reeleição apenas em diferentes legis-

laturas, ou seja, fora do mesmo mandato eleitoral. Mas, o objetivo dos parlamentares é repetir o que já é feito na Assembleia Legislativa,

onde o presidente pode conseguir se manter no cargo pelos quatro anos consecutivos, mas não na mesma legislatura. "Então, nós queremos fazer na Câmara como é feito na Assembleia Legislativa, por exemplo. Que a eleição seja permitida na mesma legislatura e não em legislaturas diferentes, como é hoje. Porque o tempo de quatro anos é importante para os projetos terem continuidade", disse Albert Dickson. Em uma espécie de prestação de contas das medidas tomadas durante sua administração, Albert destaca também os investimentos realizados na segurança da Câmara, principalmente após os seguidos protestos realizados no local. Albert listou ainda a dedicação em implantar o portal da transparência, criado na gestão do ex-vereador Edivan Martins (PV), mas que recebeu apoio da atual adminis-

tração para entrar em funcionamento. Para o pepista, a medida foi fundamental para melhorar a "transparência" dos atos dos vereadores. Recentemente a Câmara voltou a utilizar o colegiado de líderes, como forma de otimizar as decisões tomadas pela Casa e agilizar votações e debates. Segundo Albert, também serviu para democratizar as decisões dos vereadores, antes submetidos às vontades da mesa diretora. Outra conquista, na análise do vereador, foi o canal aberto para a TV Câmara. Com 10 anos completados em 2013, a emissora legislativa mais antiga do país está perto de ser transmitida pelo canal 51. Para isso, Albert está destinando investimentos para o início do processo de cabeamento. Com isso, as decisões da Câmara tendem a ser ainda mais divulgadas e acompanhadas pela população.

1.042.272 votos e Wilma- 651.358. placar de 3 x 1 para o ministro.

dade da Prefeitura de Natal em reparar coisas simples como buracos nas ruas e reforma de posto de saúde, não há como não se preocupar com conclusão das obras de túneis e viadutos dentro do prazo estabelecido.

Túlio Lemos COMPLICAÇÃO Como se já não bastasse o volume de problemas enfrentados pela governadora Rosalba Ciarlini, há mais um em sua contabilidade: A situação do deputado Betinho Rosado, seu cunhado. Ele está em conflito com o presidente do DEM, senador José Agripino, o único aliado de peso que sobra para amparar a atual gestão. DIFICULDADE A maior dificuldade nesse caso da desfiliação do deputado Betinho Rosado é a ligação familiar. Afinal, Betinho não é só um deputado; é

irmão do governador de fato, Carlos Augusto Rosado. Agripino tentar tomar o mandato de Betinho não contará com o respaldo do marido de Rosalba. Pelo contrário. PASSADO Betinho já guarda mágoas de Agripino desde a primeira eleição do filho do senador, deputado Felipe Maia, que foi acusado de ter provocado a derrota do mossoroense com sua vitória. O filho de Agripino teria 'tirado' votos do irmão de Carlos Augusto em Mossoró. Betinho ficou na suplência e só assumiu o mandato com a morte do deputado Nélio

Dias. PAGAMENTO A cada final de mês o martírio dos servidores públicos do RN renasce com a possibilidade de haver atraso no pagamento do salário. Atraso de salário é sepultamento irreversível de Governo. MUDANÇA Ontem, o prefeito Carlos Eduardo deu mais uma demonstração de mudança de comportamento e de maturidade. O filho de Agnelo recebeu uma comissão de integrantes de movimentos sociais, a Central de

Movimentos Populares e o Movimento de Luta nos Bairros, Vilas e Favelas. DISPUTAO Assessor do ministro Garibaldi Filho, Eurico Alecrim Filho, manda e-mail: "Caro amigo Túlio: Na condição de seu leitor, peço fazer justiça quanto ao número de derrotas entre o pai do dep. Walter Alves e a ex-governadora e vice-prefeita Wilma Maia. o ministro a derrotou três (3) vezes: Para prefeito de Natal, para governador e recentemente para o senado quando obteve quase o dobro da votação dela. Garibaldi-

TEMOR O secretário estadual da Copa, Demétrio Tôrres, afirmou ontem, em entrevista ao Jornal das Seis, na 96 FM, que há preocupação do Ministério das Cidades, em relação a possibilidade da Prefeitura de Natal não concluir as obras de mobilidade urbana antes da realização da Copa do Mundo. O receio faz todo sentido. MOROSIDADE O fato é que, diante da morosi-

RISCO O grande risco que o prefeito Carlos Eduardo corre em relação a essas obras é não concluir o serviço no prazo e provocar um gigantesco transtorno justamente no período da Copa. Afinal, é preciso fazer muita força para acreditar que a Prefeitura irá concluir essas obras em maio de 2014.


Natal, 26 de setembro de 2013

4 O Jornal de HOJE

Walter Gomes DE BRASÍLIA - walgom@uol.com.br

O acerto de contas Principal voz de protesto contra o governo Cid Gomes na Assembleia Legislativa cearense, Heitor Ferrer posiciona-se como postulante ao Executivo estadual. O projeto não tem a simpatia do PDT, partido ao qual é filiado. Pelo trabalhismo democrático, o deputado concorreu ano passado à prefeitura de Fortaleza. Por pouco, perdeu a promoção ao segundo turno. nnn Legenda não lhe falta para tentar o Executivo estadual. A mais interessada é o PSB, até recentemente sob o comando da família do governador do estado (*). Defensor da renovação do mandato da presidente Dilma Rousseff, Cid desligou-se da sigla liderada nacionalmente pelo pernambucano Eduardo Campos, virtual candidato ao Palácio do Planalto. nnn O presidenciável Campos cobiça o passe de Ferrer e também de Luizianne Lins (PT), duas vezes consecutivas prefeita da capital, mas contestada por companheiros "pela sua maneira de fazer política". As conversas estão em curso. Não são, porém, promissoras como a cúpula federal do PSB esperava. Amanhã, Eduardo Campos restitui a direção regional do socialismo com sotaque "cearês" a Sérgio Novais, ex-deputado federal e adversário histórico da família Ferreira Gomes. nnn (*) Cid e seus irmãos (Ciro e Ivo) são versáteis na troca de camisa partidária. Vestiram a do PDS (herdeiro da Arena), PMDB, PSDB, PPS e, até ontem, a do PSB. A próxima deverá ter as cores do PROS. O Partido Republicano da Ordem Social foi reconhecido ontem pelo Tribunal Superior Eleitoral.

Política

Quinta-feira

Vivaldo explica desfiliação do PR e diz que ouvirá Motta sobre o futuro DESENTENDIMENTO

COM JOÃO

MAIA

MOTIVOU DEPUTADO A PEDIR PARA SAIR Wellington Rocha

Com a aproximação do fim do prazo para novas filiações partidárias de candidatos que desejem participar do pleito de 2014, aumentam as movimentações de bastidores em torno das mudanças de partido. Ontem, durante sessão plenária na Assembleia Legislativa, o deputado estadual Vivaldo Costa explicou as razões que o levaram a pedir a desfiliação do PR e revelou sua intenção de conversar com o presidente da Casa, Ricardo Motta sobre a futura legenda. Segundo Vivaldo, em toda a sua carreira política no RN, sempre foi um defensor das bandeiras partidárias. Mas, no último processo eleitoral de nível estadual, acabou se posicionando contra as decisões da legenda da qual faz parte. Em 2010, enquanto subiu no palanque da atual governadora Rosalba Ciarlini (DEM), o PR acabou apoiando, por meio do seu presidente estadual, deputado federal João Maia, o nome do então governador Iberê Ferreira de Souza (PSB). Segundo Vivaldo, a divergência de apoios para os candidatos ao Governo do Estado foi o que o levou a querer deixar o PR. “Houve um

Liderança política do Seridó, Vivaldo Costa pode reforçar o PP na eleição 2014 desentendimento político, pois o presidente do partido apoiou a candidatura de Iberê e eu apoiei a de Rosalba. Houve essa discordância e eu paguei um preço alto por isso. Com isso fui perdendo apoios de prefeitos, vereadores e lideranças em diversos municípios”, afirmou.

Vivando Costa disse, ainda, que a nova filiação partidária será discutida com o presidente da AL, o deputado Ricardo Motta. “É de conhecimento de todos no RN a minha convergência com o presidente Ricardo Motta e se a Justiça conceder que eu me desligue do

PR, irei conversar com ele sobre as novas possibilidades”, declarou. Ricardo Motta conseguiu esta semana a autorização da Justiça para trocar de partido. Antes filiado ao PMN, o presidente da Casa deve assinar filiação ao PP nos próximos dias, partido que é presidido no Estado pelo vereador Rafael Motta, filho do parlamentar. Outro que também está de malas prontas para o PP é o deputado estadual Raimundo Fernandes, também autorizado pela Justiça a se desfiliar do PMN. O parlamentar é mais um a seguir a orientação partidária de Ricardo Motta. A expectativa é que os pepistas acabem reforçados também pelo ingresso do deputado Kelps Lima, atualmente sem partido, e Gílson Moura (PV). O primeiro já obteve da Justiça a liberação para trocar sua ex-legenda, o PR, por outra agremiação. Mas, por enquanto, ainda não se definiu. Já o pevista articula uma troca partidária desde o término da campanha eleitoral de 2012, quando disputou a Prefeitura de Parnamirim e acabou sendo derrotado.

Divulgação

> SOB SUSPEITA

TCE dá 20 dias para Urbana explicar sobre erros encontrados na licitação milionária Wellington Rocha

Caixa de Pandora Inconfidências ouvidas na noite carioca são confirmadas. O rejeitadíssimo Sérgio Cabral, filho, (PMDB), a 15 meses de concluir o segundo mandato, anuncia que vai renunciar ao governo fluminense. É provável que seja após as festas do fim de ano. nnn Quem assume é o vice Luiz Fernando Pezão, peemedebista carente de fortalecimento para conquistar a titularidade no Palácio Guanabara em outubro do próximo ano. nnn Conforme pesquisas do Datafolha e Ibope, Pezão é o terceiro nas intenções de voto. O senador petista Lindbergh Farias (foto) está no alto do ranking, seguido do ex-governador Anthony Garotinho, líder do PR na Câmara dos Deputados. nnn Pós-escrito: Lindbergh tem 13 pendências no Supremo Tribunal Federal. Vão de inquéritos a ações penais. Garotinho responde a três processos.

LEITURA DINÂMICA t Quatro vezes governador do Distrito Federal e com passagem por vários partidos, Joaquim Roriz pretende voltar ao Palácio do Buriti. Procura uma legenda para consultar as urnas de 2014. Está de olho no DEM. t Sérys Slhessarenko, histórico quadro petista de Mato Grosso, é agora do PTB. Ex-senadora, a advogada está em campo para recuperar o mandato perdido. t Terça-feira, Eduardo Saboia reintegra-se aos quadros do Itamaraty. O diplomata foi afastado porque ajudara o senador boliviano Roger Molina a fugir para o Brasil. Molina considera-se perseguido pelo governo de seu país. t Migração do PMDB para o PSDB. O deputado Luiz Pitiman, do Distrito Federal, assinou hoje a ficha de filiação, com endosso do senador Aécio Neves. Pitiman, empresário da indústria, é paranaense de Toledo. t O ex-ministro Delfim Netto fez a "festa" em reunião com empresários. Disse ao auditório: "Os se-

nhores acham que o governo só pensa em capitalismo com lucro zero. E o governo acha que os senhores são um bando de ladrões, de egoístas. Os dois estão errados." t Vicentinho Alves é o primeiro senador - e parece o único - a aderir ao Solidariedade, partido criado e liderado por Paulo Pereira da Silva (ex-PDT), deputado-presidente da Força Sindical. Alves, representante de Tocantins, ele era quadro do PR. t Guido Mantega tem fôlego no governo da senhora Rousseff. O ministro da Fazenda, para contrariedade do Banco Central, determinou a redução da venda de dólares. O presidente do BC, Alexandre Tombini, queria prosseguir na política cambial a favor do fortalecimento da moeda do Império do Norte. t Para refletir: "Confiança gera confiança; insegurança gera insegurança" (Francisco Bosco, jornalista e ensaísta brasileiro nascido no Rio Grande do Sul).

A Companhia de Serviços Urbanos de Natal (Urbana) terá que apresentar em um prazo de 20 dias, as devidas correções ou a defesa dos "erros e omissões" encontrados no edital de licitação da Companhia. O prazo foi estabelecido pelo Tribunal de Contas do Estado (TCE), por decisão do conselheiro Cláudio Emerenciano. O próprio TCE foi o responsável por paralisar o certame, voltado para a contratação de empresa destinada a execução de serviços pertinentes ao sistema de limpeza de Natal. A licitação está orçada em R$ 369.401.938,20, para um prazo de 60 meses consecutivos. A suspeita é que o processo poderia estar acima do preço de mercado. Conforme denúncias publicadas na imprensa, alguns serviços colocados na licitação estariam até três vezes mais caro do que o valor praticado atualmente na cidade. De acordo com o parecer técnico da Diretoria de Administração Indireta do TCE, a Urbana não dispõe de dotação orçamentária para cobrir os custos da licitação. Conforme consta na Lei Orçamentária Anual a previsão de receita para a Companhia em 2013 é de R$126,2 milhões, sendo o valor de R$ 45 milhões destinado ao serviço de limpeza pública. A Inspetoria de Controle Externo do TCE apontou inadequações quanto ao dimensionamento dos equipamentos que serão utilizados na var-

Conselheiro Cláudio Emerenciano suspendeu a licitação realizada pela Urbana rição, capinação e caiação; falta de detalhamento do projeto básico; custo excessivo com equipamentos de proteção individual, entre outros. No último mês o auditor, Claúdio Emerenciano, suspendeu monocraticamente a licitação da Urbana. A decisão foi aprovada por unanimidade pela Primeira Câmara da Corte de Contas. Na ocasião foi sugerida pelo Ministério Público Especial (MPjTCE) a realização de uma tomada de contas na empresa. O Pedido foi aceito pelo auditor. Caberá a Controladoria Geral do Município realizar a tomada de contas no período entre 2005 e 2010; e a Diretoria de Administração Indireta do TCE fi-

cará responsável por examinar as contas entre 2011 e 2013. Na semana passada, a Câmara Municipal de Natal colocou em debate por meio de uma audiência pública o polêmico processo licitatório da Urbana. Mas, apesar de terem sido convidados, os representantes do TCE, do Ministério Público e até mesmo da Procuradoria Geral do Município não compareceram ao debate. Para o vereador Fernando Lucena (PT), a decisão do TCE em suspender o processo foi a mais correta, diante das suspeitas de irregularidades. O parlamentar disse que é preciso fiscalizar a licitação para evitar

qualquer prejuízo posterior a cidade. O petista acrescentou ainda que, atualmente, os contratos firmados pelo município são cumpridos prevendo a redução da quantidade de lixos nas ruas. Ou seja, no início deste ano, quando o sistema estava parado, foi pago um valor maior do que atualmente, quando é preciso apenas manter a limpeza. Mas, segundo Lucena, a licitação além de não prever esta situação também estaria colocando preços superiores aos já trabalhados na cidade. Na audiência pública, o atual diretor-presidente da Urbana, Jonny Costa, disse que está trabalhando "a fim de oferecer transparência e legalidade para a contratação de serviços na área de gestão de resíduos sólidos". Ainda de acordo com o representante da Prefeitura, as empresas que estavam no serviço emergencial foram convidadas "para continuar o trabalho sem aumento de tarifas enquanto terminamos a elaboração do edital de convocação para licitação". "A divergência que ainda existe diz respeito à taxa de administração local na composição do BDI (Benefícios e Despesas Indiretas), pois nos baseamos no procedimento adotado pelo Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT) e nossa metodologia foi aprovada pelo Tribunal de Contas da União. Mas, entretanto, o Tribunal de Contas do Estado (TCE/RN) ainda não definiu a situação".

> AÇÃO PARLAMENTAR

Deputado Fábio Faria cobra do governo federal as ações de combate ao crack O Brasil é o maior mercado consumidor de crack no mundo e já ocupa a segunda colocação no ranking de consumo de cocaína. Esses dados, constatados pela Universidade de São Paulo, foram recentemente confirmados pela Fundação Oswaldo Cruz. A pesquisa, divulgada na semana passada, revela que há, no Brasil, 370 mil usuários regulares de crack. Desse total, a maior parte, cerca de 148 mil consumidores, está na região Nordeste. A disseminação do crack, que se caracteriza por ser uma droga barata, de fácil acesso e com poder de destruição moral e físico impressionantes, foi tema do discurso feito pelo segundo vice-presidente da Câmara dos Deputados. Fábio Faria (PSD/RN) que, desde 2009 preside a Frente Parlamentar Mista de Combate ao Crack, cobrou do governo federal o investimento prometido no lançamento do programa "Crack, é possível vencer".

"Essas pesquisas alertam para o caminho perigoso que estamos seguindo. Enquanto no resto do mundo o consumo cai, no Brasil só constatamos o aumento no número de usuários de drogas. O governo federal anunciou investimentos de mais de 4 bilhões de reais para garantir uma rede de assistência capaz de atender viciados em crack, mas depois do lançamento quase nada foi feito", alertou o parlamentar. O programa "Crack é preciso vencer" previa ações de 2012 a 2014, mas até agora, apenas um terço do total anunciado foi investido. Fábio Faria usou como exemplo a parceria que deveria ser firmada entre o governo federal e comunidades terapêuticas, mantidas por instituições sem fins lucrativos, como igrejas e associações. Para ampliar a rede de acolhimento, o governo federal reservou cerca de R$ 132 milhões para serem investidos em 2012, mas nada foi repas-

sado a essas entidades a fim de subsidiar os custos com os internos. Em 2013, o quadro se repete com apenas 21% dos recursos empenhados e apenas 0,02% de fato repassados. O deputado também lembrou que o trabalho realizado pela Frente Parlamentar e pela Comissão Especial, criada para estudar esse tema, constatou que o combate efetivo as

drogas depende de uma ação integrada que vá da repressão ao atendimento e reinserção social do dependente químico. O trabalho ainda revelou que o Brasil não tinha política, nem projeto para combater o avanço das drogas. Fábio Faria reforçou que o programa "Crack, é Preciso Vencer" é uma importante iniciativa e não pode cair em descrédito.


Política

Quinta-feira

Natal, 26 de setembro de 2013

O Jornal de HOJE 5

Juiz afirma que Rosalba é “ímproba e incompetente” e defende Impeachment MAGISTRADO

DE

MOSSORÓ, CLAUDIO MENDES JÚNIOR,

SUGERE USO DE MECANISMOS PARA AFASTAR GOVERNADORA Divulgação

Wellington Rocha

Juiz Claudio Mendes defende uso de mecanismos institucionais para afastar maus administradores

Governadora Rosalba Ciarlini vem sofrendo desgaste político e virou alvo de críticas da população

ALEX VIANA REPÓRTER DE POLÍTICA

O juiz titular da 3ª Vara Criminal de Mossoró, Claudio Mendes Júnior, classificou o governo Rosalba Ciarlini (DEM) de "ímprobo e incompetente" e de "cometer absurdos". Ele defendeu a proposta de impeachment da governadora, afirmando que terá apoio popular. O magistrado defendeu o uso de mecanismos constitucionais para afastar maus administradores e fez cobranças ao Ministério Público, que não estaria enxergando "os absurdos deste governo". Juiz da Operação Sal Grosso, que condenou vereadores por corrupção na Câmara Municipal de Mossoró, Claudio Mendes Júnior usou o Twitter para fazer as declarações. Ao se referir à defesa de um processo de impeachment feita pelo deputado estadual Nélter Queiroz (PMDB) esta semana, o magistrado afirmou que tal proposta teria o respaldo da população. "Finalmente alguém teve coragem de falar em impeachment da governadora. Parabéns ao deputado estadual Nélter Queiroz. Com certeza terá o apoio popular", afirmou o magistrado, no Twitter. Usando a ferramenta de comunicação social, ele ainda classificou indireta-

mente o governo Rosalba de ímprobo e incompetente. "Temos que começar a usar os mecanismos constitucionais que existem para afastar maus administradores, ímprobos e incompetentes". Na última terça, em pronunciamento, o deputado Nélter Queiroz defendeu a apresentação de um pedido de impeachment, instaurando processo de cassação de

mandato do chefe do poder Executivo. Para ele, a governadora Rosalba Ciarlini deve ser afastada do cargo por não estar atendendo as expectativas da população. "Esta casa tem que tomar as providências", disse o parlamentar que ainda sugeriu aos deputados do PMDB que não votem projetos encaminhados pelo governo do Estado, enquanto não houver nego-

ciação com categorias grevistas. Nélter afirmou que "o assunto que está nas ruas, em todos os recantos do RN, é a péssima gestão do governo Rosalba Ciarlini. Não é de hoje que a situação da segurança, saúde, centrais do cidadão, de todos os órgãos do governo do Estado, da falta de professores de várias escolas, em municípios do interior, está em pauta em todas as rodas de con-

versa. Esta Casa vem recebendo comissões de várias classes de servidores. AAssembleia tem feito o seu papel", declarou. Ainda durante seu pronunciamento, Nélter falou sobre uma reunião entre os servidores do ITEP e Polícia Civil com o chefe do gabinete civil, Carlos Augusto Rosado. Segundo o deputado, Carlos Augusto teria afirmado que dos 500 servi-

dores do Itep, apenas 50 seriam qualificados. "Essa é a palavra do governo do Estado, representado pelo chefe do gabinete civil. Ele chamou os funcionários de incompetentes. Todos tinham a esperança de negociação, a sensibilidade dos governantes. Mas o governo acirrou os ânimos, ao invés de ser sensível, humilhou os servidores", declarou o deputado.

“Onde está o MP, que não vê os absurdos deste governo?” Professor de Processo Penal da Faculdade de Direito Mater Christi, o juiz criminal Claudio Mendes Júnior, da 3ª Vara Criminal de Mossoró, aproveitou também o Twitter para cobrar do Ministério Público

Estadual uma postura mais combativa em relação ao governo do Estado. Ele questionou onde está o Ministério Público que não enxerga os absurdos do atual governo. Para o magistrado, há empenho em

punir ladrões de galinha, enquanto falta vontade para apurar responsabilidade de poderosos. "Onde está o Ministério Público que não vê os absurdos deste governo? Porque temos tanto empenho em punir os

ladrões de galinha e faltam forças para os grandes?", cobrou. O juiz Claudio Mendes Júnior, que também é escritor, defendeu ainda que a legislação brasileira deve ser endurecida para

permitir a revogação popular de mandatos. "Acho mesmo que a Constituição Federal deveria ser emendada, criando-se um mecanismo de revogação popular dos mandatos de governantes incapa-

zes. Afinal, o povo não é obrigado a aguentar quatro anos de descaso e sucateamento que trarão consequências devastadoras e irremediáveis no futuro", defendeu o magistrado.

> SOB PRESSÃO

Câmara autoriza Prefeitura a contrair empréstimo milionário A Câmara Municipal de Natal aprovou, após muita polêmica e discussão, o empréstimo de aproximadamente R$ 35 milhões solicitado pela Prefeitura junto a Caixa Econômica Federal. Com isso, a cidade poderá quitar os valores de contrapartida necessários para viabilizar as obras de mobilidade urbana previstas com a realização da Copa do Mundo de 2014 na capital potiguar, que serão fruto de recursos federais disponibilizados pelo Ministério das Cidades. Parte dos vereadores, capitaneados pelos representantes da esquerda, Amanda Gurgel (PSTU), Sandro Pimentel (Psol) e Marcos do Psol, já haviam anunciado posicionamento contrário ao empréstimo. O grupo argumentava que Natal possuía outras prioridades de investimento, como a área da saúde pública, que está em estado de calamidade con-

forme decreto do prefeito Carlos Eduardo Alves (PDT). Para colocar a matéria em votação em regime de urgência, quando não é preciso respeitar o trâmite normal dos projetos pelas comissões, eram precisos 20 votos. A Prefeitura tinha até a próxima segunda-feira (30) para conseguir a liberação dos recursos, daí a necessidade de liberar o financiamento o mais rápido possível. No início da discussão, alguns vereadores insatisfeitos com a relação mantida com o prefeito tentaram organizar um movimento contra o projeto. Ao final da sessão, o empréstimo teve exatos 20 votos a favor, enquanto dois foram contrários. "Estes recursos serão aplicados na reestruturação de corredores exclusivos para ônibus e alternativos de Natal. Essa aprovação é importante para garantir os re-

Divulgação

Após muita polêmica, vereadores aprovaram novo empréstimo para Prefeitura cursos do governo federal para as obras de mobilidade urbana na capital potiguar", declarou o líder da bancada governista, vereador Júlio

Protásio (PSB). "A prefeitura deseja reestruturar 4,35 km da Avenida Bernardo Vieira; o corredor das avenidas Co-

ronel Estevam, Rio Branco, Rio Grande do Norte, Amaro Barreto, Mário Negocio e Salgado Filho. Verbas do Orçamento Geral da União também contemplarão outros aspectos dessas obras", completou Júlio Protásio. Para conseguir aprovar a matéria, o prefeito também contou com o empenho do presidente da Casa, vereador Albert Dickson (PP), que desde a chegada da matéria na Câmara articula a aprovação da mesma sob regime de urgência, como acabou acontecendo. Na mesma sessão, os vereadores também o Projeto que unifica o sistema de bilhetagem eletrônica no transporte público da capital potiguar. A matéria foi aceita aliada a uma modificação da Lei Orgânica do Município, cujo sistema passa a ser controlado pela Prefeitura. A matéria foi aprovada por

unanimidade. "Esta casa mais uma vez cumpre o seu papel, dando celeridade a uma matéria em benefício do povo de Natal. Nos debruçamos sobre o tema, debatemos este projeto, nos comprometemos em ajudar esses trabalhadores e hoje comemoramos a aprovação do projeto", ressaltou o presidente da Câmara, vereador Albert Dickson. "Os trabalhadores, que estiveram pressionando e acompanhando todo o processo, que ocuparam a Prefeitura, foram eles que conseguiram a aprovação dessa bilhetagem eletrônica, um momento histórico para Natal", destacou a vereadora Amanda Gurgel (PSTU). Agora, a bilhetagem unificada segue para análise do prefeito Carlos Eduardo, que deve sancionar o projeto, já que a iniciativa partiu do próprio Executivo.

> DE OLHO EM 2014

Com novas filiações, PSD se reúne amanhã para mostrar força O PSD realiza amanhã uma série de novas filiações a legenda, em ato previsto para começar por volta das 10 horas, no Hotel Ocean Palace, Via Costeira. O objetivo é mostrar a força do partido tendo em vista às eleições de 2014, já que os novos aliados estarão aptos a participar do processo eleitoral do próximo ano. A data limite para quem desejar se candidatar a qualquer cargo político no pleito vindouro é 5 de outubro. Hoje, o PSD é o único partido com pré-candidato a governador já definido, no caso, é o próprio presidente estadual da legenda, o vicegovernador Robinson Faria. Rompido com a gestão Rosalba Ciarlini (DEM) desde o primeiro ano da atual administração, o ex-deputado estadual ainda luta para viabilizar seu nome nas pesquisas. Robinson trabalha sob a perspectiva de conseguir reunir em seu palanque os principais partidos de oposição a democrata, como o PMDB do deputado federal Henrique Alves e do ministro Garibaldi Filho, o PSB da vice-prefeita Wilma de Faria e o PT da deputada federal

Heracles Dantas

Partido Ecológico Nacional realiza encontro em Natal

Vice-governador Robinson Faria, presidente do PSD, trabalha para viabilizar a sua candidatura para as eleições de 2014 Fátima Bezerra. Entre os novos filiados, apesar de ainda não divulgar nomes, estão lideranças de diversos segmentos, como educadores, médicos e profissionais liberais com atuação em várias regiões do RN.

A filiação contará com a participação do próprio vice-governador Robinson Faria (PSD), do deputado federal Fábio Faria (PSD), dos deputados estaduais Gesane Marinho (PSD) e José Dias (PSD), de prefeitos, vices, verea-

dores, integrantes do PSD Jovem, entre outras lideranças. O PSD foi fundado em 2011 no Rio Grande do Norte e possui 21 prefeitos, 19 vice-prefeitos e 191 vereadores em todas as regiões no Rio Grande do Norte.

O Rio Grande do Norte sedia também nesta sexta-feira (27), a partir das 15h, o Encontro Ecológico. O evento, que será realizado no Espaço Eco Auditorium, em Lagoa Nova, e terá como objetivo discutir os rumos da política estadual de investimentos de proteção ao meio ambiente, além de discutir as consequentes repercussões na saúde, segurança e educação. O encontro, promovido pelo PEN - Partido Ecológico Nacional, ainda terá como objetivo organizar a legenda no Estado. Será a oportunidade de discutir o cenário político estadual, bem como definir o planejamento para as eleições de 2014. O Partido realizará o cadastramento e início de definição de nomes para concorrer as eleições para deputado federal, estadual, senador e governador. O evento terá participações de líderes de todas as regiões do Estado para definir a formação

das comissões e direção do PENRN nos municípios, além de debater sobre as plataformas de sustentabilidade e encaminhamentos para as eleições de 2014 e 2016. Na oportunidade será lançado o livro "Eleições na era digital Como vencer os novos desafios", de autoria do jornalista e sociólogo, João Alves Tiradentes. Ainda assinam o livro um especialista em Direito Eleitoral (Marcelo Augusto Melo Rosa de Sousa), um estrategista em criação de Plano de Governo (Antonio Luiz de Carvalho), um experiente profissional de pesquisa de mercado e eleitoral (Antonio Luis Poggi Rodrigues) e o especialista em marketing digital Marcos Ferreira. Tiradentes estará em Natal para lançar o seu livro, juntamente com Marcos Ferreira, para ministrar uma palestra sobre o assunto, às 19h, no Espaço Eco Auditorium.


6 O Jornal de HOJE

Natal, 26 de setembro de 2013

Cidade

Quinta-feira

Prefeitura tem 30 dias para regulamentar lei que obriga bilhetagem única em Natal SEMOB REUNIRÁ SINDICATOS DO SISTEMA DE TRANSPORTE - SETURN E SITOPARN - PARA AVALIAR TRÂMITE DE IMPLANTAÇÃO DA LEI O somatório de esforços que o Sindicato dos Permissionários de Transporte Opcional (Sitoparn) reuniu para igualar direitos no sistema de transporte público gerou a aprovação do projeto que obriga a implantação da bilhetagem única em Natal. Na tarde de ontem, vereadores aprovaram a proposta por unanimidade e, após o projeto ser sancionado pelo prefeito Carlos Eduardo, usuários do transporte convencional poderão também utilizar alternativos com o uso do mesmo cartão eletrônico. Segundo a secretária de Mobilidade Urbana, Elequicina Santos, a Prefeitura tem o prazo de 30 dias para regulamentar a lei e colocá-la em vigor. Durante a votação do projeto da bilhetagem única, as galerias da Câmara Municipal ficaram lotadas de permissionários e trabalhadores do transporte opcional. O presidente do Sitoparn, Nivaldo Andrade, comemorou a aprovação do projeto de bilhetagem eletrônica e garantiu que não haverá dificuldades para implantação do sistema. "Se depender de nós, em até 20 dias estaremos com tudo funcionando, pois já possuímos a tecnologia necessária. Falta apenas a aquisição de GPS para os veículos. Porém, ainda deveremos nos reunir com a Prefeitura de Natal e Seturn [Sindicato das Empresas de Transportes Urbanos] para recebermos as regras e saber como de-

Fotos: Heracles Dantas

Nhoque Rocha comemora unificação e diz que será um grande ganho para usuários

Lei possibilitará que cartão utilizado pelo passageiro para o transporte público nos ônibus também seja utilizado em alternativos

verá funcionar o sistema", afirmou. De acordo com Elequicina, a reunião da Semob com os profissionais atuantes no sistema de transporte deverá acontecer na próxima semana. "Não tenho como especificar data para o sistema de bilhetagem unificada estar funcionando devidamente. Sei que temos 30 dias para regulamentar a lei. Acredito que dentro desse prazo já teremos tudo acertado. Porém, precisamos analisar direitinho o que

satisfeito em saber que agora poderá usufruir mais veículos no sistema de integração. "Se o sistema de passagem será unificado, e com um mesmo cartão, a integração será maior. Agora não precisaremos depender só dos ônibus para aproveitar o tempo de gratuidade da passagem garantida pela integração. Certamente essa aprovação foi um grande ganho para nós", disse. A dona de casa Fátima Lima,

será de responsabilidade de cada um. A nossa, enquanto órgão fiscalizador, é apenas de fiscalizar. Os investimentos necessários deverão partir de cada entidade sindical", disse. A unanimidade de aprovação do projeto também se faz presente nas ruas. Se os alternativos serão beneficiados pela concorrência legal, os usuários terão mais opções de transporte coletivo. O estudante Noque Rocha, 27, ficou

53, também aprovou a novidade. "Quanto mais carros e opções de transporte, melhor", disse. Com a mudança do sistema, Fátima disse esperar que os alternativos também mudem a maneira de atender a população. Segundo ela, muitos motoristas desprezam principalmente idosos. "O idoso pedir parada a um alternativo é quase que em vão. Muitos não respeitam só porque ele tem passagem gratuita. Além disso,

é comum ver que eles não cumprem o itinerário exato como os ônibus. Espero que a fiscalização da bilhetagem eletrônica também avalie esses pontos", destacou. De acordo com os permissionários, a exclusividade do uso de cartão nos ônibus diminuiu consideravelmente o fluxo de passageiros nas linhas alternativas e, consequentemente, vários veículos tiveram que parar de circular devido à escassez de passageiros.

> CRISE FINANCEIRA

Servidores do Estado temem atraso nos pagamentos Wellington Rocha

José Aldenir

A crise financeira enfrentada pelo Rio Grande do Norte tem tirado o sono dos servidores estaduais. Devido às alegações da governadora Rosalba Ciarlini de que o RN vem sofrendo com frustração de receita, a quantidade de especulações sobre a suspensão nos pagamentos da folha de pessoal aumenta vertiginosamente a cada dia. A mais recente dessas especulações dá conta de que o pagamento dos salários de todos os servidores, originalmente programado para amanhã (27) para os que recebem no primeiro dia, não seria efetivado. O Jornal de Hoje recebeu denúncia no final desta manhã informando que o pagamento não seria realizado, mas durante toda a manhã, diversos servidores apreensivos ligaram para este vespertino querendo saber informações sobre o possível atraso no recebimento dos salários. A reportagem d´O Jornal de Hoje procurou o titular da Secretaria de Estado da Administração e dos Recursos Humanos (Searh),

Djair, que representa os policiais civis, denuncia incoerência da atual gestão

Simone Dutra afirma que se pagamento não sair, categoria pode voltar à greve

Álber Nóbrega, para esclarecer o assunto, mas funcionários da pasta afirmaram que o secretário estaria de férias, informação desmentida pela assessoria de comunicação do governo. De acordo com a equipe de imprensa da administração es-

vel falta de pagamento por parte do Governo do Estado ventilada na manhã de hoje (26). A presidente do Sindicato dos Trabalhadores em Educação (Sinte/RN), Fátima Cardoso, conta que, caso se confirme, esse atraso não passa de uma ma-

tadual, Nóbrega estaria em reunião, mas uma entrevista coletiva foi marcada para às 15h de hoje. O assunto a ser tratado não foi revelado. Diversas entidades classistas se pronunciaram sobre essa possí-

nobra da Governadora com o intuito de chantagear emocionalmente a população do Estado. "Rosalba está indo no mesmo caminho de Micarla, ou seja, direto para o buraco. O problema é puramente administrativo. Os recursos têm en-

trado normalmente, ela é que não tem capacidade para gerir o Rio Grande do Norte. Se até o dinheiro do Fundeb [Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação] foi depositado, o que ela vai alegar para não honrar os compromissos conosco?", questiona. Já Simone Dutra, representante do Sindicato dos Servidores da Saúde (Sindsaúde/RN), ameaça paralisação, caso as especulações se confirmem. "Se o pagamento não for feito, a classe vai parar. Temos, inclusive, uma assembleia amanhã, às 9h. O sinal de alerta está ligado", ameaça Dutra. Já Djair Oliveira, da Polícia Civil - que já está em greve - denuncia a incoerência da atual gestão. "Tudo isso é uma grande estratégia de Rosalba Ciarlini para passar a imagem de que não tem dinheiro, mas nós sabemos que a arrecadação no Estado segue normal. Tem recurso sim, o dinheiro está entrando, o que falta é gestão", dispara.

> DIA NACIONAL DOS SURDOS

Deficientes auditivos cobram a implementação de leis Hoje, 26 de setembro, é comemorado o Dia Nacional dos Surdos e os deficientes auditivos teriam muito o que comemorar, principalmente no que diz respeito às leis que os beneficiam, caso estas já tivessem sido colocadas em prática. Para representantes da Associação dos Surdos de Natal (ASNat), a falta de implementação das leis surge como um passo para trás para a inclusão dos deficientes auditivos na sociedade. AAssociação vem trabalhando tanto na educação como também com atividades de cultura e esporte. A instituição também atua como uma fonte de oportunidades para os deficientes com ofertas de trabalhos e cursos de libras. De acordo com a secretária administrativa, Kátia Junqueira, nesta data existem motivos para felicitar. O avanço da legislação tem garantindo o direto à educação, trabalho e acessibilidade. Porém, na prática, a história é diferente, uma vez que, principalmente, nos órgãos públicos a acessibilidade para os deficientes auditivos são praticamente inexistentes. "Assim como uma rampa é importante para o cadeirante e o braile para os cegos, a pre-

sença de um interprete de libras é necessária para um surdo", afirmou. A educação é outra luta da Asnat. A inserção de tradutores nas salas de aula ou, então, de professores capacitados para educar também na linguagem de libras é uma necessidade urgente, visto que, a educação é um direito garantido por lei. Segundo a secretária da Associação, em Natal apenas duas escolas contam com interpretes, que são as estaduais Augusto Severo e Alberto Maranhão. "As igrejas, tanto católicas como evangélicas, têm interpretes, mas as repartições públicas não têm. Um surdo vai ao médico e o atendimento fica dificultado pela ausência de um profissional para intermediar a comunicação" disse. Segundo dados da Associação, o Rio Grande do Norte tem mais de 3 mil deficientes auditivos e a inserção destes profissionais no mercado de trabalho também é mais um ponto de batalha, pois os surdos acabam assumindo, por necessidade, funções abaixo de suas formações e qualificações. Isso acontece principalmente por as empresas não perceberem que a deficiência é ex-

Wellington Rocha

Rejane perdeu a audição aos 9 anos de idade, mas superou as dificuldades, terminou a faculdade e atua como professora de libras clusivamente auditiva. "Os empresários não entendem que um surdo é uma pessoa totalmente normal, tem as mesmas capacidades intelectuais qualquer ser humano, apenas com a audição limitada", completou Kátia. Rejane Figueira da Silva nas-

ceu saudável. Entretanto, devido à meningite, ele perdeu a audição aos nove anos de idade. A garota ainda tentou fazer tratamento, porém não teve sucesso, e passou a enfrentar os obstáculos ao conviver com a deficiência. Segundo ela, que hoje tem 47 anos, poucas pessoas a aju-

daram durante este processo. Mesmo a educação sendo complicada, ela aprendeu a língua de sinais e manteve os estudos, até se formar em 2002, em nível superior como professora de libras. Hoje ela trabalha na Asnat dando aula para cerca de 40 alunos. Com a educa-

ção à distância, ela concluiu o estudo em 2002. "A faculdade foi um sonho. Foi uma oportunidade que tive. Hoje sou professora", afirmou Rejane falando com dificuldades. Sócia da Asnat desde 1995, um ano após a fundação, a professora ressalta a importância do local tanto como gerador de oportunidades como também um ambiente para fazer amigos. Rejane hoje é casada com um surdo e mãe de dois filhos ouvintes. Ela acredita que a luta deve ser mantida na busca de uma sociedade mais igualitária. "As empresas deixam de contratar alguém competente apenas por ser surda", reclama. Mesmo com os avanços, Rejane reclama que ainda hoje existe "discriminação, preconceito e falta de apoio da família". Entretanto, assim como muitos outros deficientes do Estado, ela afirma que continua a lutar por seus direitos para fazer provar que é capaz de se chegar a assumir qualquer função dentro do mercado de trabalho, pedindo apenas respeito. O Dia Nacional dos Surdos será comemorado hoje às 19h, em uma missa celebrada a Igreja do Galo, Cidade Alta.


Economia

Quinta-feira

HOJE na Economia MARCOS AURÉLIO DE SÁ

marcossa@jornaldehoje.com.br

Multinacional inaugura Parque Eólico Asa Branca, com 160 MW, no Mato Grande n A ContourGlobal, empresa internacional voltada para a exploração de parques geradores de energia, inaugurou ontem no Rio Grande do Norte seu primeiro Complexo Eólico no Brasil: o Parque Asa Branca, com capacidade de produzir 160 megawatts, suficientes para atender o consumo de uma cidade com até um milhão de habitantes. n A solenidade de inauguração contou com a presença de membros da governadora Rosalba Carlini e autoridades locais e nacionais, e marcou a abertura do parque eólico que abrange áreas dos municípios de João Câmara, Parazinho e Jandaíra. n O projeto Asa Branca está localizado em uma área conhecida por ter um dos melhores ventos do mundo, devido ao encontro das águas frias do oceano Atlântico, na costa de Natal, com o clima quente e seco do interior do Nordeste. n Localizado a 80 quilômetros de Natal, o empreendimento exigiu investimentos da ordem de R$ 600 milhões e contou com financiamento de R$ 450 milhões do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES). n O projeto Asa Branca é o terceiro da ContourGlobal no país, e tem como premissa os valores mundiais da empresa de sempre impulsionar o desenvolvimento sustentável nas regiões onde está presente. Ele gerará mais de 600 empregos diretos, ao mesmo tempo em que patrocinará projetos de cunho social na região do Mato Grande, tais como programas de educação ambiental. n Com sede em Nova York, a ContourGlobal possui em dezoito países parques geradores que produzem hoje aproximadamente 3000 megawatts de energia eólica e solar, além de usinas movidas a biomassa. Seu faturamento em 2012 atingiu a marca de 1 bilhão de dólares. Nova concessionária Renault em Natal oferece o serviço "Renault Minuto" n Será inaugurada amanhã à noite, uma segunda concessionária da montadora Renault em em Natal - a Redenção cujos showroom e oficinas ficarão instalados num prédio de 930 metros quadrados na Avenida Prudente de Morais. n Uma das novidades que ela apresentará será o espaço destinado ao serviço "Renault Minuto", uma opção prática e econômica para os proprietários de veículos que precisam de serviços de pequena e média complexidade, tais como troca de óleo, filtros, baterias, correias e reparos em freios, entre outros. nCom essa inauguração, já são 11 as revendas da montadora proporcionando aos clientes o "Renault Minuto" no Brasil. Diagonal e Rossi entregam o "Vila Verde Residencial" n As incorporadoras Diagonal e Rossi entregam esta noite o empreendimento "Vila Verde Residencial", localizado às margens da rodovia BR101, entrada principal da cidade. O ato acontecerá a partir das 18:30 horas, com rea-

Banco do Nordeste do Brasil premia empresários no Rio Grande do Norte n O Banco do Nordeste promove no final da tarde de hoje, no Arituba Park Hotel, coquetel para anunciar os vencedores potiguares do X Prêmio de Microcrédito e do II Prêmio da Agricultura Familiar. n A cerimônia tem o objetivo de reconhecer iniciativas de sucesso que foram financiadas pelo Banco no Rio Grande do Norte. Os oito clientes escolhidos serão premiados com troféus e com cheques no valor de R$ 1.500,00. n Compostas por representantes do Governo Estadual, Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra), Serviço de Apoio as Micro e Pequenas Empresas (Sebrae/RN), entre outras entidades, as comissões julgadoras escolheram os clientes pelos critérios de expansão e lucratividade dos negócios, evolução das compras, capacitação, investimento na melhoria da qualidade de vida da família, acesso ao crédito, nível de tecnologia empregado e aspectos ambientais. n Os programas de microcrédito produtivo orientados do Banco do Nordeste (Crediamigo e Agroamigo) já financiaram mais de R$ 260 milhões no RN, apenas no período de janeiro a agosto de 2013, em mais de 137 mil operações. Já o Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf) contratou, no mesmo período, R$ 59 milhões. n O superintendente estadual do Banco do Nordeste no Rio Grande do Norte, Francisco Carlos Cavalcanti, afirma a importância do prêmio: "As histórias de vida e toda a trajetória destas pessoas inspiram outros a terem a mesma garra para concretizarem seus negócios e ideias. Esta premiação nada mais é do que um reconhecimento ao trabalho bem feito destes empreendedores potiguares".

lização da primeira assembleia geral dos condôminos, seguida de um coquetel oferecido às famílias dos futuros moradores, às quais serão oficialmente entregues as chaves dos imóveis. n O condomínio vertical "Vila Verde" possui 4 torres de apartamentos e ocupa um terreno de mais de 20 mil metros quadrados, metade do qual destinado a espaços para jardins e áreas coletivas de esporte e lazer, todas entregues equipadas e decoradas. Mercado da construção civil do RN está em alta n O mercado da construção civil do Rio Grande do Norte está vivendo uma fase de muito dinamismo, que se expressa inclusive na atração de várias empresas de outros estados, que aqui chegam oferecendo especificidade de atividades para as construtoras. n O engenheiro Dehuel Ferreira Lima, por exemplo, acaba de inaugurar em Natal a Cinco.S Instalações Prediais, empresa que atua no segmento de instalações elétricas, hidráulicas e de gás. n O foco da Cinco.S é prestar serviços especializados às

grandes construtoras. Fomenta destaca benefícios da Lei Geral para as MPEs n As discussões acerca das vantagens e benefícios da Lei Complementar 123/2006 para as micro e pequenas empresas dominaram as discussões do primeiro dia do Fomenta 2013 (Encontro de Oportunidades para Micro e Pequenas Empresas nas Compras Governamentais), que começou ontem e termina hoje na Escola de Governo, situada no interior do Centro Administrativo do Estado, em Natal. n Promovido pelo Sebrae/RN em parceria com o Governo do Estado, Federação das Indústrias, Federação do Comércio e Prefeitura de Natal, o evento visa estimular o poder público a priorizar a aquisição de mercadorias e serviços em obediência ao que preceitua a legislação, ou seja, fazendo valer os benefícios assegurados aos concorrentes de pequeno porte. n Participam do Fomenta 2013 cerca de 250 dirigentes empresariais interessados em elevar suas vendas aos órgãos da administração pública federal, estadual e municipal.

Natal, 26 de setembro de 2013

O Jornal de HOJE 7

Sete anos depois, CTC é inaugurado pela Colméia EMPREENDIMENTO

FALA MUITO DO MERCADO DE

Áreacomercial/Colmeia

MARCELO HOLLANDA HOLLANDAJORNALISTA@GMAIL.COM

Seis ou sete anos depois de anunciado, será finalmente inaugurado hoje à noite pelo presidente da construtora Colméia, Otacílio Valente Costa, um dos empreendimentos que contam muito sobre a história recente do mercado imobiliário de Natal. O Corporate Tower Center Business (CTC), que teve como garoto propaganda Álvaro Garnero, do programa 50 por 1, teve suas salas comerciais disputadas à tapa no pré-lançamento, em 2007. Com um Valor Global de Vendas de R$ 86 milhões, das suas 457 salas e 12 lojas comerciais, hoje só 10% (47 unidades) estão disponíveis a preços que variam entre R$ 220 mil a R$ 240 mil o valor unitário. Com espaços de sala entre 35 a 40 metros quadrados, o CTC foi lançado no auge de aquecimento do mercado imobiliário pós-retirada dos estrangeiros e um ano e pouco antes da explosão da crise imobiliária americana, que arrastou parte da economia europeia. Ocupado hoje principalmente por profissionais liberais da área médica, seguido por advogados, e procurado especialmente por uma combinação bem sucedida que mistura elegância e imponência com um condomínio barato (oscila entre R$ 300,00 a R$ 350,00 por mês), o CTC foi erguido num tempo em que os empreendimentos comerciais eram "dinheiro em caixa" para os especuladores. Tanto que muita gente ganhou dinheiro comprando uma unidade por "X" e vendendo quinze dias depois por "Y", lucrando algo como R$ 40 mil de ágil por um empreendimento na planta. Afinal, além de levar a assinatura da mais antiga incorporadora de fora na cidade (a cearense Colméia, com quase 20 anos na praça), o projeto já deslindava uma tendência irreversível de Natal: a do crescimento urbano acelerado com todos os problemas que isso acarreta. E quem estabelecia seu consultório ou escritório em casas reformadas passou a desejar ardentemente a segurança de uma portaria, com todos os aditivos de segurança incorporados. Hoje, o presidente da Colméia, Otacílio Valente Costa, comentou que tudo isso foi levado em conta pela construtora na hora de empreender as duas torres numa área

NATAL

CTC: um dos empreendimentos comerciais que marcaram época no mercado Construa Negócios

Otacílio Valente, da Colméia: 857 unidades em construção na cidade prá lá de privilegiada em Lagoa Nova. E, principalmente, agregar o que é hoje um problema mortal para a cidade: o estacionamento. A solução foi plantar na área um estacionamento pago, administrado pelo condomínio e cuja renda mensal servisse para fazer frente aos custos nunca baratos de manutenção. Projeto do arquiteto paulista

José Lucena, as torres do CTC, como estão dispostas, sugerem um casco de navio partido ao meio, mas se recompondo harmonicamente. Bem ao contrário disso, com todas as dificuldades que as construtoras têm para tirar um projeto do papel e transformá-lo em realidade, o CTC é uma nau firme pronta para se oficializar como o novo (nem tanto) endereço comercial da cidade. Hoje, a Colméia, que não pode mais ser considerada uma estrangeira em Natal, tem neste exato momento ma cidade 857 unidades em construção - um VGV na desprezível de R$ 345 milhões. No ano passado, a construtora entregou cinco empreendimentos na cidade e já anunciava seu primeiro "Minha Casa, Minha Vida" para os lados da BR 101. Mas é apenas uma experiência. Num ano em que outras grandes construtoras com atuação nacional já cancelaram lançamentos, a Colméia faz a aposta inversa. "Somos muito bons no segmento do alto padrão", diz Otacílio, o presidente, sem nenhuma modéstia.

> AMEAÇA SUPERADA

Sal consegue unir bancada potiguar Maior produtor nacional de sal do país, o Rio Grande do Norte agora sabe que pode esperar união de sua classe política pelo menos quando o assunto é a iminência de uma catástrofe econômica. Num ano em que as exportações no Estado registraram uma redução parcial, até agosto, de menos 10,2 percentuais em relação ao mesmo período de 2012, uma nota técnica da Agência Nacional de Transportes Aquaviários (Antaq), sugerindo a desativação do terminal de sal do Porto de Santos, conseguiu o que parecia impossível - uma reação rápida da bancada potiguar em Brasília. Mas aconteceu. Quando foi divulgada a nota pondo em risco a recepção do sal despachado todos os anos do RN pelo Porto Ilha de Areia Branca, a reação em cadeia foi imediata e mobilizou do presidente da Câmara Federal, Henrique Eduardo Alves, do PMDB, ao presidente do Democratas e rival político, José Agripino Maia. Só para ficar nesses dois casos. Com uma produção anual média de cinco milhões de toneladas, salvo nos anos em que as chuvas atrapalham as salineiras, o sal potiguar vive sob permanente ameaça do similar chileno, que entra com vantagens no país. Com a Medida Provisória dos Portos, que abriu para licitações áreas nos terminais bra-

sileiros, o berço que recepciona o sal potiguar corria o risco, ao mudar de mãos, de ter que conviver com fertilizantes e sal de outras origens. Rapidamente, um lobby foi organizado pelos produtores potiguares, capitaneados pelo maior deles, a Salinor, mobilizando parlamentares, de um lado, enquanto alertava grandes consumidores da commodity, como as indústrias químicas, de nutrição animal e de papel e celulose de São Paulo, de outro. Nesta quinta-feira, ao recor-

Um ação rápida conseguiu uma proeza: mobilizar políticos e empresários potiguares

dar o sufoco que foram as últimas semanas, o vice-presidente do Sindicato do Sal (SiesalRN), Airton Torres, comentou o grande alívio do setor com a decisão da Antac e da Secretaria Nacional dos Portos de retroceder na intenção inicial. O trabalho, que contou com o reforço da Fiern e da Codern, consistiu em transmitir uma série de informações acerca dos prejuízos que a medida causaria à economia potiguar e também aos investimentos federais feitos na ampliação no terminal salineiro de Areia Branca, que consumiram mais de R$ 200 milhões. Essa ampliação, inicia-

da em 2009, foi finalizada no ano passado, aumentando consideravelmente não só a velocidade de carregamento, como a de escoamento. "Na verdade, as notas apresentam técnicas e geram muita confusão, e por isso a classe empresarial ficou em estado de alerta para evitar impactos negativos no escoamento da produção salineira, mas graças ao apoio que recebemos da bancada federal a situação foi esclarecida e o terminal continuará aberto", afirmou Airton Torres. Segundo ele, o Porto de Santos recebe cerca de 470 mil toneladas de sal por ano, que são essenciais não só para a economia, mas também às indústrias química, de nutrição animal e de papel e celulose. O terminal salineiro foi construído em 1974 e fica há 26 quilômetros da cidade de Areia Branca, na região Oeste do estado. Entre os benefícios da reforma está o aumento de capacidade da esteira, que carregava 1.500 toneladas de sal por hora e passará a carregar 2.500 toneladas. De acordo com o diretor-presidente da Codern, a ampliação deve facilitar e baratear os custos no transporte. O Rio Grande do Norte é responsável por produzir quase todo o sal consumido no Brasil e, no exterior, o produto atende países como Nigéria, Camarões, Estados Unidos, Canadá e Uruguai.


8 O Jornal de HOJE

Cidade

Natal, 26 de setembro de 2013

Quinta-feira

Escola municipal trabalha conhecimentos da neurociência na formação infanto-juvenil EM

PARCERIA COM O INSTITUTO DO

CÉREBRO

DA

UFRN,

ALUNOS EXPERIMENTAM NOVOS PROJETOS E PESQUISAS Fotos: Heracles Dantas

CAROLINA SOUZA ACW.SOUZA@GMAIL.COM

Em parceria com o Instituto do Cérebro da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) e incentivos do Ministério da Educação (MEC), a Escola Municipal Juvenal Lamartine vem trabalhando uma nova proposta pedagógica que pode revolucionar o sistema aprendizagem dos alunos da rede pública de ensino. Como escola piloto no projeto, também incentivado pela Secretaria Municipal de Educação, alunos da Educação Infantil à Educação de Jovens e Adultos (EJA) estão experimentando novos projetos e pesquisas voltadas para a funcionalidade do cérebro. Segundo Jeana Magalhães, diretora da Escola Juvenal Lamartine, toda a política educacional desenvolvida pela escola acontece através de pesquisas em várias estâncias. "A ideia é compreender como funciona o cérebro humano para, a partir disso, realizar intervenções na educação de crianças, jovens e adultos, de modo que a aprendizagem ocorra com maior facilidade e eficácia", explicou a diretora. A pedagogia da escola é sustentada por projetos e pesquisas desenvolvidas desde 2009 através do Instituto do Cérebro e uma equipe de neurocientistas. Nesta quintafeira (26), a coordenação da escola reuniu membros do projeto para apresentar o desenvolvimento das

Coordenação da escola reuniu, durante evento esta manhã, membros do projeto para apresentar o desenvolvimento das ações

Segundo Jeana, a política educacional da escola é desenvolvida por meio de pesquisas

ações, entre elas pesquisas na área da fonoaudiologia - que trabalha a consciência fonoaudiológica. "Nessa pesquisa nós enfatizamos a importância do ouvir e de como se processa a audição das pessoas no cérebro. Também exploramos a forma do processamento da aprendizagem em pessoas que têm deficiência auditiva", disse Jeana. Além disso, a escola desenvolve pesquisa na área de educação física, para saber se a prática de atividade física favorece ao rendimen-

borando o nosso próprio método, de acordo com as necessidades de cada aluno", declarou. Professor e pesquisador do Instituto do Cérebro da UFRN, Antônio Pereira falou sobre a importância de formar novas escolas acadêmicas. "É uma tentativa de trazer o método científico para dentro das escolas e tentar resolver os problemas mais complexos da educação. No meu entendimento, a abordagem desses problemas deve ser multidisciplinar e a melhor capaci-

to em sala de aula. Outro projeto destacado pela diretora é o de neurociência para a leitura. "Nós testamos em nossos estudantes se a organização pedagógica e os recursos didáticos da leitura têm eficácia no processo de aprendizagem da alfabetização", destacou. "Todas as ações demandaram tempo para serem bem processadas. Surge a ideia, encaminhamos para avaliação pela UFRN e após aprovação, reunimos toda a comunidade escolar para elaborar-

mos o termo de consentimento que garantirá a realização da pesquisa com nossos alunos", afirmou Jeana Magalhães. A intenção da diretora é que os resultados possam ser replicados em outras unidades de ensino. "A relação das pesquisas neurocientíficas com a aprendizagem de alunos em idade escolar pode representar uma grande mudança no sistema de ensino. Em vez da gente 'importar' teorias de aprendizagem já desenvolvidas, nós estamos ela-

dade multidisciplinar que existe está na universidade. Por isso, estamos trabalhando os ensinamentos dentro das escolas", afirmou. Os projetos que envolvem a audição, competência leitura dos alunos e atividades esportivas, segundo Antônio Pereira, estão rendendo bons resultados. "Esses projetos agregam valor à escola e estimula a permanência dos alunos na comunidade escolar, que se sentirão mais envolvidos e interessados na aprendizagem", disse.

> 5A EDIÇÃO

Natal sedia Congresso Nacional de Ciências Criminais A partir de hoje (26), juristas de todo o País se reúnem em Natal para o 5º Congresso Nacional de Ciências Criminais, cujo tema é 'Direito, Criminologia e Tecnologia a Serviço da Justiça'. O evento será realizado no Pirâmide Plaza Hotel, na Via Costeira, sob organização da Faculdade Maurício de Nassau, vinculada ao Grupo Ser Educacional. Esta edição do congresso se apoia na evidente evolução da discussão jurídica, doutrinária e acadêmica dos eventos anteriores, buscando, desta vez, aprofundar a discussão acerca do papel do próprio Direito, da criminologia e da tecnologia no contexto das ciências criminais. Além disso, durante as atividades propostas será debatido se tais aspectos, dentro de suas perspectivas e aplicações, realmente são ferramentas de alcance da almejada justiça e pacificação social, papel essencial do Direito. Para esta discussão foram convidados palestrantes, doutrinadores e professores da área do Direito Penal, como Aury Lopes Junior, Eugênio Paccelli e Roque de Brito Alves, além do ex-ministro do STJ José Augusto Delgado,

José Aldenir

José Augusto Delgado, ex-ministro do STJ, e Janguiê Diniz, coordenador do Congresso serão palestrantes do evento dentre outros estudiosos de renome nacional e internacional, que tratarão das novas diretrizes e conceitos para o Direito Penal e seus reflexos em outros tantos ramos

das ciências jurídicas e sociológicas diante dos aspectos multidisciplinares envolvidos. Segundo José Augusto Delgado, a realização do Congresso é

uma excelente oportunidade para que se levante um debate genérico sobre as interpretações contemporâneas da disciplina legal da corrupção pública. "Esse assunto está

muito em voga e é necessário que haja um cuidado especial no tratamento aos tópicos relacionados à interpretação do texto da lei num contexto mais moderno. Essa tendência de elevar o delito de corrupção à categoria de crime hediondo, por exemplo, de certa forma não segue os preceitos básicos do Direito Penal, que possui caráter muito mais educativo do que punitivo", explica. "O grande ponto a ser discutido é justamente a interferência da atual situação política brasileira, com todo o clamor popular que vem sendo observado, no julgamento das ações. Enquanto estudioso, ressalto o papel doutrinário do Direito, mas, como cidadão, é impossível não considerar válido o apelo das massas para que os criminosos sejam responsabilizados por seus atos de maneira exemplar. Eis o grande desafio para os juristas, atualmente; equilibrar cidadania, ética e conhecimento técnico. É uma honra participar de um congresso que privilegia assuntos urgentes e interessantes como esses, só tenho a aplaudir cada dia mais a iniciati-

va", elogia Delgado. A abertura do evento está marcada para as 18h de hoje. Na ocasião, o presidente e fundador do Grupo Ser Educacional e coordenador geral do Congresso, Janguiê Diniz, receberá o título de Cidadão Natalense, concedido pela Câmara dos Vereadores da capital potiguar. A autoria da proposta é da vereadora Eudiane Macedo. Para Diniz, o convite recebido é motivo de muita honra e orgulho. "Natal é uma cidade de poetas, intelectuais, estadistas, grandes políticos, pessoas de uma importância ímpar no cenário nacional. Ser agraciado com o título de cidadão natalense é uma grande alegria, e traz, ao mesmo tempo, uma enorme carga de responsabilidade. O convite foi feito por conta dos serviços prestados pelo Grupo Ser Educacional, através da Faculdade Maurício de Nassau, à população natalense; fico muito feliz de ser reconhecido como agente de fomento ao desenvolvimento acadêmico da capital potiguar", celebra o doutor em direito pela Universidade Federal de Pernambuco (UFPE).

> SINDSAÚDE

Servidores denunciam problemas do Pronto Socorro Sandra Celeste Na manhã de hoje, mais um ato do Sindicato dos Servidores da Saúde Pública do RN (Sindsaúde) foi realizado na frente de uma unidade municipal. Como tem acontecido todas as quintasfeiras, quando um local é escolhido para a mobilização, desta vez, o ponto de protesto foi o Pronto Socorro Infantil Sandra Celeste, localizado na rua Jaguarari, em Candelária. Os funcionários e representantes do Sindicato apresentaram não só os problemas da unidade como também a luta salarial e outras gratificações solicitadas pelo sindicato. O Sandra Celeste atua como referência no atendimento infantil no capital potiguar. Entretanto, segundo os funcionários, a unidade também sofre com diversos problemas estruturais, além da falta de material e de recursos humanos. De acordo com a técnica de enfermagem, Daniela Cristina, mais da metade dos funcionários

da unidade são provenientes da Maternidade Leide Morais, tendo em vista que o hospital está passando por reformas. Porém, após o término no serviço eles retornarão para o seu local de origem. Outra constante reclamação dos funcionários diz respeito aos problemas de saúde enfrentados por eles. A falta de materiais que os protejam, como, por exemplo, o uso de máscaras tem 'adoentado' os servidores. De acordo com os funcionários, quase todas as pessoas que trabalham no local já ficaram doentes. "Sendo bastante generosa, 98% dos funcionários daqui já ficaram doentes devido ao trabalho aqui", diz a enfermeira Larissa Mendonça, se referindo tanto às doenças contagiosas, como também àquelas adquiridas com a rotina e a pressão do trabalho. Daniela Cristina ressalta que esses problemas acabam sendo transmitidos para outras pessoas da família. "Eu já fiquei doente e

minha filha já pegou de mim", revela. A falta de medicamento é outra barreira enfrentada para a manutenção do trabalho. "Aqui não tem medicamento básico, coisa de urgência. Não tem remédio para vômito, para dor. Algumas vezes temos de pegar as amostras grátis que alguns fabricantes disponibilizam", conclui a enfermeira Cídia Teixeira. Larissa Mendonça também revela a falta de equipamentos como cilindros com oxigênios e fluxômetro. A água para o uso dos funcionários é comprada por eles próprios, pois "se a gente não compra, não tem água para beber", diz ela. Questões estruturais também afetam a unidade. Em diversos pontos, o forro de gesso está caindo e o mofo frequente também é mais um risco para a saúde dos funcionários, pacientes e acompanhantes. O laboratório foi realocado, pois uma rachadura cruza

a sala de uma parede a outra. Outro problema enfrentado na unidade é a constante superlotação. Muitos dos pacientes são oriundos de outras regiões da capital e até mesmo de outras cidades. Por isso, alguns chegam a esperar até 36 horas por uma vaga em outra unidade com o agravante de que não tem alimento para estes pacientes, nem para os acompanhantes, apenas para os funcionários. "O pessoal da cozinha pega parte do alimento dos funcionários e faz um sopão para entregar aos pacientes", revelou Larissa Mendonça. A questão salarial e de gratificações é um dos grandes enfrentamentos. Segundo a auxiliar de enfermagem, Kelly Jane Pinheiro Teixeira, não existe reajuste de salários há quatro anos. Outra questão diz respeito às gratificações dos plantões. Os poucos funcionários que recebem estão com o benefício atrasado há anos.

Wellington Rocha

Servidores e usuários são obrigados a conviver com problemas como infiltração e mofo CMYK


Cidade

Quinta-feira

Natal, 26 de setembro de 2013

O Jornal de HOJE 9

Ex-ministro da Saúde, José Gomes Temporão, aponta possíveis caminhos para o Sistema Único de Saúde SUS COMPLETA 25 ANOS COM DESAFIO DE SER UM SISTEMA UNIVERSAL, INTEGRAL E FINANCIADO COM RECURSOS PÚBLICOS Fotos: Cláudio Araújo

ROBERTO CAMPELLO ROBERTO_CAMPELLO1@YAHOO.COM.BR

Vinte e cinco anos se passaram desde a criação do Sistema Único de Saúde (SUS), em 1988, e o financiamento do setor ainda é apontado por especialistas como um dos principais gargalos para a concretização de seus princípios, entre eles a oferta de serviços de qualidade de forma integral e universal. Esse foi um dos assuntos discutidos durante a segunda edição do Conass Debate, seminário promovido pelo Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass), que teve como tema 'Caminhos da Saúde no Brasil'. O evento foi realizado em Brasília, durante toda esta quarta-feira (25). A presidenta do Conselho Nacional de Saúde (CNS), Maria do Socorro de Souza, defendeu a destinação anual de 10% da receita corrente bruta da União para o setor. No mês passado, mais de 800 mil assinaturas em apoio ao projeto de lei de iniciativa popular que traz a proposta foi entregue ao presidente da Câmara dos Deputados, Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN). A medida foi considerada inviável pela ministra do Planejamento, Miriam Belchior. Como alternativa, o governo sinalizou na terça-feira (24) que pretende destinar 15% da receita corrente líquida para a área da saúde. Segundo a ministra de Relações Institucionais, Ideli Salvatti, a intenção é incluir uma emenda na Proposta de Emenda à Constituição (PEC) do Orçamento Impositivo, em tramitação no Senado. A receita corrente líquida da União é a soma de todas as receitas do Governo Federal com tributos e contribuições, excluídas as transferências constitucionais para estados e municípios. "Diversas entidades nacionais têm colocado o assunto na agenda da sociedade, do governo e do Legislativo. A proposta do governo é destinar 15% da receita líquida em um percurso escalonado, que demorará até 2018. O problema é que a receita corrente líquida é muito variável e suscetível às disputas de priorização de investimentos em políticas sociais ou em políticas econômicas", disse Maria do Socorro de Souza. "O SUS precisa de um aporte maior e imediato", acrescentou. O ex-ministro da Saúde, José Gomes Temporão, e diretor executivo do Instituto Sul-Americano de Governo em Saúde (ISAGS), considera que o Sistema Único de Saúde (SUS), enquanto um sistema universal, integral, equânime e financiado com recursos públicos para todos apresenta dois pontos polêmicos: a gestão das unidades e redes públicas e o papel do setor privado (estatização?), já que há o fortalecimento progressivo do setor privado de planos e seguros sustentado nos gastos tributários e no discurso da "inexistência da capacidade do Estado em financiar o SUS universal e integral". "Estamos caminhando para um sistema de castas disfarçado, dúbio, mas que claramente estabelece acesso e qualidade diferenciados entre ricos e poderosos, classe média e funcionalismo público, setores ascendentes que migraram para a classe C e classes D e E. Caminhamos também para uma estrutura de atenção e cuidado que mescla situações heterogêneas e paradoxais entre níveis de cuidados e acessos às informações", destacou o ex-ministro da Saúde. José Gomes Temporão destacou o desafio da equidade, uma vez que o Brasil, um país desigual que escolheu construir um sistema universal de saúde. Temporão relembra o contexto em que o SUS foi criado. Antes da Constituição de 1988, o sistema de saúde era fragmentado com serviços privados para aqueles que podiam custeá-los, Seguro Social para setores formalmente empregados e a Saúde Pública para riscos de endemias e epidemias. Após a Constituição, foi criado o Sistema Nacional e Unificado de Saúde, colocando a Saúde como Direito Universal, como dever do Estado, descentralizando para os Estados e Municípios e com participação social em todos os níveis. Atualmente, 70% da popula-

Segunda edição do Conass Debate foi realizado nesta quarta-feira em Brasília e discutiu rumos do SUS no Brasil. Evento contou com presença de José Gomes Temporão (abaixo), que destacou o contexto em que SUS foi criado

ção brasileira, o que corresponde a aproximadamente 150 milhões de habitantes, depende exclusivamente do SUS. 30% da população possuem coberturas privadas, mas também utilizam o SUS, destaca José Gomes Temporão, como por exemplo, em transplantes, medicação de alto custo, atendimentos de emergência, vacina, tratamento da Aids, dentre outros serviços. O ex-ministro elencou os percalços do Sistema Único de Saúde que vão à contramão das tendências mundiais à construção do sistema universal: o subfinanciamento crônico que acompanhou o SUS desde o nascedouro a partir da retirada dos recursos da Previdência Social da base de financiamento setorial já no início dos anos 90, a Emenda Constitucional 29 e a perda da CPMF, o imposto federal que se estivesse em vigor arrecadaria cerca de R$ 40 bilhões para a saúde. "Aliado ao subfinanciamento, um federalismo complexo exigindo grande esforço de construção de consenso demandando energia, tempo e dedicação, com uma importante lentificação do processo de tomada de decisão e implementação de políticas e programas traz entraves ao Sistema. Por fim a fragilidade estrutural dos municípios na organização do cuidado, que, em sua maioria, não têm condições de assumir a condução da saúde pública", afirmou José Gomes Temporão. Mesmo com as limitações, o ex-ministro reconhece que houve progressos importantes ao longo dos 25 anos de implantação dos SUS. Ele cita a base tecnológica para bio produtos (PNI), o Programa Saúde da Família, que hoje atende mais de 100 milhões de pessoas, o tratamento de Aids, transplantes, o Serviço de Atendimento Móveis de Urgência (Samu), as campanhas de tabagismo, a reforma psiquiátrica e política de humanização e o complexo industrial da saúde como marcas de um Sistema de sucesso. "Além disso, desde a implantação do SUS conseguimos aumentar a expectativa de vida, reduzir a mortalidade infantil, a mortalidade materna, a mortalidade por doenças crônicas, a erradicação de doenças imunopreveníveis e seu controle e a importante contribuição para a melhoria das condições de vida são provas de que o Sistema Único de Saúde deu certo", afirmou o exministro. José Gomes Temporão, respondendo a pergunta 'Para onde vai o SUS?', levantou a hipótese de que "caminhamos para a americanização do sistema de saúde". Segundo o ex-ministro, o SUS é um sucesso como marco estratégico para impactar os indicadores sanitários. "Mas apesar dos inconstan-

tes e importantes avanços, na atenção individual a avaliação da população só piora: o acesso, qualidade, tempo de espera, desumanização e descordenação. Em dez anos, a cobertura do setor suplementar aumentou de 20 para 33% da população", explicou o ex-ministro. Para o ex-ministro, o tema da sustentabilidade ocupará um papel central no novo paradigma de cuidado integral e produção de saúde. "O conjunto de determinantes de

ção da lógica econômica com as necessidades de cuidado, bem como a articulação da base de produção com as necessidades de saúde. No entanto, é necessária uma proposta política para articular a lógica econômica com a lógica sanitária, pois a saúde tem que ser vista como um espaço de desenvolvimento e não apenas gasto e alocação de recursos escassos", explicou o ex-ministro da Saúde, José Gomes Temporão. Para Temporão, há futuro para

‘ ’ “Apesar dos inconstantes e importantes avanços, na atenção individual a avaliação da população só piora: o acesso, qualidade, tempo de espera, desumanização e descordenação. Em dez anos, a cobertura do setor suplementar aumentou de 20 para 33% da população” JOSÉ GOMES TEMPORÃO EX-MINISTRO DA SAÚDE

saúde, genéticos, sócio-econômico-culturais, afetivos-emocionais, além daqueles advindos do próprio sistema de saúde impacta profundamente o sistema de saúde e exigirá um novo ordenamento da saúde e de suas interfaces com as políticas sociais e econômicas", disse Temporão. Para o ministro, a sustentabilidade do Sistema de Saúde tem que ser vista do ponto de vista econômico, tecnológica, do cuidado e política. "A saúde tem que ser vista como uma condição de cidadania e uma proeminente área de desenvolvimento, a partir da articula-

o SUS como Sistema Universal. Para tal, são necessárias mudanças estruturais essenciais no tocante ao financiamento - ampliação do gasto público com transparência na definição da alocação dos novos recursos, revisão da política dos gastos tributários, além do pré-sal, recursos oriundos das indústrias do fumo, bebidas e automobilística -, ao modelo assistencial - estabelecer o PSF universal como única porta de entrada ao sistema tanto para o setor público como planos e seguros e coresponsabilidade na atenção e gestão, com foco na promoção -, a reforma do

estado e gestão - com novos modelos de gestão para unidades complexas e redes integradas e integração entre SUS e sistema suplementar. SISTEMA SUPLEMENTAR Para o diretor de Assuntos Institucionais da Amil, Antônio Jorge Kropf, o Sistema Público de Saúde e o Sistema de Saúde Suplementar têm alguns pontos em comum, como o envelhecimento da população, novas tecnologias e a falta de recursos, o que segundo Kropf, contribui para a crise no financiamento. "No Brasil, o financiamento público à saúde é extremamente baixo e incompatível ao que se propõe como um sistema universal", destacou. Antônio Jorge Kropf cita os sete pontos propostos pela Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) como parte da Agenda Regulatória para 2013-2014: garantia de acesso e qualidade assistencial, sustentabilidade do setor, relacionamento entre operadoras e prestadores, incentivo à concorrência, garantia de acesso à informação, integração da Saúde Suplementar ao SUS e governança regulatória. A saúde suplementar é regulada pela Lei 9656/98, mas segundo o diretor de Assuntos Institucionais da Amil, já foi alterada por 45 medidas provisórias e complicada no seu ordenamento, por centenas de resoluções, instruções e portarias. "Frequentemente estamos sujeitos a novas normas, através de projetos de lei que pretendem interferir ou modificar a legislação", disse.

Em 2012, foram cancelados 80 registros de operadoras, 63 de assistência médico-hospitalar e 17 exclusivamente odontológicas. Desse total, 11 operadoras sofreram liquidação extrajudicial e 69 registros foram cancelados por outros motivos. Nota-se o fechamento das operadoras de pequeno porte, de até 20 mil beneficiários, principalmente na modalidade medicina de grupo. "Isso demonstra que as operadoras de pequeno porte enfrentam maiores dificuldades financeiras e administrativas, principalmente em decorrência das exigências advindas da regulamentação do setor", afirmou. A região Sudeste concentra maior quantidade de beneficiários dos planos médicos e odontológicos, 63,7% e 60%, respectivamente. Entretanto, comparada com as demais regiões, observa-se uma redução gradual nessa participação no decorrer dos últimos anos. Por outro lado, distingue-se o crescimento da região Nordeste, posicionando-se como a segunda região do país em números de beneficiários. Em números absolutos, destaca-se a região Nordeste, com a incorporação de mais de 400 mil beneficiários, o que corresponde a 41,4% do total, seguido pela região Sudeste, com 300 mil, e Centro-Oeste, com 209 mil. Para Antônio Jorge Kropf, a sustentabilidade da saúde suplementar sofre algumas ameaças. Do ponto de vista da micro-economia, as ameaças são a ineficiência administrativa, a guerra de preços, custos de comercialização e a solvência. Do ponto de vista ideológico, as ameaças são o Poder Executivo (MS e ANS), Poder Legislativo (projetos), Poder Judiciário (judicialização), entidades representantivas (MP, Procons, Idec, Proteste, CFM, CRMs, Fenam, AMB). Do ponto de vista do modelo assistencial, as ameaças são o desperdício, conflitos de interesses, inequidade e ineficiência, insuficiência no acesso. "O aumento da produção com dificuldade do acesso, com insatisfação de financiadores, prestadores e clientes, e o pior, sem melhoria da saúde. Tudo isso gera uma impossibilidade de atender a demanda", explicou Antônio Jorge Kropf. A solução apontada por Kropf são modelos assistenciais integrados, como o que já acontece com a Intermédica, Hapvida, Bradesco Saúde, dentre outros, e novas formas de contratualização e pagamento. Para isso, ele propõe a criação de novas fontes de financiamentos para o SUS, redefinição do tratamento fiscal para quem utiliza os serviços públicos de saúde, mudança na Lei 9. 656 permitindo a subsegmentação efetiva e limites de cobertura, abrir o "atendimento médico" a profissionais não médicos e penalização do absenteísmo.


8 O Jornal de HOJE

Cidade

Natal, 26 de setembro de 2013

Quinta-feira

Escola municipal trabalha conhecimentos da neurociência na formação infanto-juvenil EM

PARCERIA COM O INSTITUTO DO

CÉREBRO

DA

UFRN,

ALUNOS EXPERIMENTAM NOVOS PROJETOS E PESQUISAS Fotos: Heracles Dantas

CAROLINA SOUZA ACW.SOUZA@GMAIL.COM

Em parceria com o Instituto do Cérebro da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) e incentivos do Ministério da Educação (MEC), a Escola Municipal Juvenal Lamartine vem trabalhando uma nova proposta pedagógica que pode revolucionar o sistema aprendizagem dos alunos da rede pública de ensino. Como escola piloto no projeto, também incentivado pela Secretaria Municipal de Educação, alunos da Educação Infantil à Educação de Jovens e Adultos (EJA) estão experimentando novos projetos e pesquisas voltadas para a funcionalidade do cérebro. Segundo Jeana Magalhães, diretora da Escola Juvenal Lamartine, toda a política educacional desenvolvida pela escola acontece através de pesquisas em várias estâncias. "A ideia é compreender como funciona o cérebro humano para, a partir disso, realizar intervenções na educação de crianças, jovens e adultos, de modo que a aprendizagem ocorra com maior facilidade e eficácia", explicou a diretora. A pedagogia da escola é sustentada por projetos e pesquisas desenvolvidas desde 2009 através do Instituto do Cérebro e uma equipe de neurocientistas. Nesta quintafeira (26), a coordenação da escola reuniu membros do projeto para apresentar o desenvolvimento das

Coordenação da escola reuniu, durante evento esta manhã, membros do projeto para apresentar o desenvolvimento das ações

Segundo Jeana, a política educacional da escola é desenvolvida por meio de pesquisas

ações, entre elas pesquisas na área da fonoaudiologia - que trabalha a consciência fonoaudiológica. "Nessa pesquisa nós enfatizamos a importância do ouvir e de como se processa a audição das pessoas no cérebro. Também exploramos a forma do processamento da aprendizagem em pessoas que têm deficiência auditiva", disse Jeana. Além disso, a escola desenvolve pesquisa na área de educação física, para saber se a prática de atividade física favorece ao rendimen-

borando o nosso próprio método, de acordo com as necessidades de cada aluno", declarou. Professor e pesquisador do Instituto do Cérebro da UFRN, Antônio Pereira falou sobre a importância de formar novas escolas acadêmicas. "É uma tentativa de trazer o método científico para dentro das escolas e tentar resolver os problemas mais complexos da educação. No meu entendimento, a abordagem desses problemas deve ser multidisciplinar e a melhor capaci-

to em sala de aula. Outro projeto destacado pela diretora é o de neurociência para a leitura. "Nós testamos em nossos estudantes se a organização pedagógica e os recursos didáticos da leitura têm eficácia no processo de aprendizagem da alfabetização", destacou. "Todas as ações demandaram tempo para serem bem processadas. Surge a ideia, encaminhamos para avaliação pela UFRN e após aprovação, reunimos toda a comunidade escolar para elaborar-

mos o termo de consentimento que garantirá a realização da pesquisa com nossos alunos", afirmou Jeana Magalhães. A intenção da diretora é que os resultados possam ser replicados em outras unidades de ensino. "A relação das pesquisas neurocientíficas com a aprendizagem de alunos em idade escolar pode representar uma grande mudança no sistema de ensino. Em vez da gente 'importar' teorias de aprendizagem já desenvolvidas, nós estamos ela-

dade multidisciplinar que existe está na universidade. Por isso, estamos trabalhando os ensinamentos dentro das escolas", afirmou. Os projetos que envolvem a audição, competência leitura dos alunos e atividades esportivas, segundo Antônio Pereira, estão rendendo bons resultados. "Esses projetos agregam valor à escola e estimula a permanência dos alunos na comunidade escolar, que se sentirão mais envolvidos e interessados na aprendizagem", disse.

> 5A EDIÇÃO

Natal sedia Congresso Nacional de Ciências Criminais A partir de hoje (26), juristas de todo o País se reúnem em Natal para o 5º Congresso Nacional de Ciências Criminais, cujo tema é 'Direito, Criminologia e Tecnologia a Serviço da Justiça'. O evento será realizado no Pirâmide Plaza Hotel, na Via Costeira, sob organização da Faculdade Maurício de Nassau, vinculada ao Grupo Ser Educacional. Esta edição do congresso se apoia na evidente evolução da discussão jurídica, doutrinária e acadêmica dos eventos anteriores, buscando, desta vez, aprofundar a discussão acerca do papel do próprio Direito, da criminologia e da tecnologia no contexto das ciências criminais. Além disso, durante as atividades propostas será debatido se tais aspectos, dentro de suas perspectivas e aplicações, realmente são ferramentas de alcance da almejada justiça e pacificação social, papel essencial do Direito. Para esta discussão foram convidados palestrantes, doutrinadores e professores da área do Direito Penal, como Aury Lopes Junior, Eugênio Paccelli e Roque de Brito Alves, além do ex-ministro do STJ José Augusto Delgado,

José Aldenir

José Augusto Delgado, ex-ministro do STJ, e Janguiê Diniz, coordenador do Congresso serão palestrantes do evento dentre outros estudiosos de renome nacional e internacional, que tratarão das novas diretrizes e conceitos para o Direito Penal e seus reflexos em outros tantos ramos

das ciências jurídicas e sociológicas diante dos aspectos multidisciplinares envolvidos. Segundo José Augusto Delgado, a realização do Congresso é

uma excelente oportunidade para que se levante um debate genérico sobre as interpretações contemporâneas da disciplina legal da corrupção pública. "Esse assunto está

muito em voga e é necessário que haja um cuidado especial no tratamento aos tópicos relacionados à interpretação do texto da lei num contexto mais moderno. Essa tendência de elevar o delito de corrupção à categoria de crime hediondo, por exemplo, de certa forma não segue os preceitos básicos do Direito Penal, que possui caráter muito mais educativo do que punitivo", explica. "O grande ponto a ser discutido é justamente a interferência da atual situação política brasileira, com todo o clamor popular que vem sendo observado, no julgamento das ações. Enquanto estudioso, ressalto o papel doutrinário do Direito, mas, como cidadão, é impossível não considerar válido o apelo das massas para que os criminosos sejam responsabilizados por seus atos de maneira exemplar. Eis o grande desafio para os juristas, atualmente; equilibrar cidadania, ética e conhecimento técnico. É uma honra participar de um congresso que privilegia assuntos urgentes e interessantes como esses, só tenho a aplaudir cada dia mais a iniciati-

va", elogia Delgado. A abertura do evento está marcada para as 18h de hoje. Na ocasião, o presidente e fundador do Grupo Ser Educacional e coordenador geral do Congresso, Janguiê Diniz, receberá o título de Cidadão Natalense, concedido pela Câmara dos Vereadores da capital potiguar. A autoria da proposta é da vereadora Eudiane Macedo. Para Diniz, o convite recebido é motivo de muita honra e orgulho. "Natal é uma cidade de poetas, intelectuais, estadistas, grandes políticos, pessoas de uma importância ímpar no cenário nacional. Ser agraciado com o título de cidadão natalense é uma grande alegria, e traz, ao mesmo tempo, uma enorme carga de responsabilidade. O convite foi feito por conta dos serviços prestados pelo Grupo Ser Educacional, através da Faculdade Maurício de Nassau, à população natalense; fico muito feliz de ser reconhecido como agente de fomento ao desenvolvimento acadêmico da capital potiguar", celebra o doutor em direito pela Universidade Federal de Pernambuco (UFPE).

> SINDSAÚDE

Servidores denunciam problemas do Pronto Socorro Sandra Celeste Na manhã de hoje, mais um ato do Sindicato dos Servidores da Saúde Pública do RN (Sindsaúde) foi realizado na frente de uma unidade municipal. Como tem acontecido todas as quintasfeiras, quando um local é escolhido para a mobilização, desta vez, o ponto de protesto foi o Pronto Socorro Infantil Sandra Celeste, localizado na rua Jaguarari, em Candelária. Os funcionários e representantes do Sindicato apresentaram não só os problemas da unidade como também a luta salarial e outras gratificações solicitadas pelo sindicato. O Sandra Celeste atua como referência no atendimento infantil no capital potiguar. Entretanto, segundo os funcionários, a unidade também sofre com diversos problemas estruturais, além da falta de material e de recursos humanos. De acordo com a técnica de enfermagem, Daniela Cristina, mais da metade dos funcionários

da unidade são provenientes da Maternidade Leide Morais, tendo em vista que o hospital está passando por reformas. Porém, após o término no serviço eles retornarão para o seu local de origem. Outra constante reclamação dos funcionários diz respeito aos problemas de saúde enfrentados por eles. A falta de materiais que os protejam, como, por exemplo, o uso de máscaras tem 'adoentado' os servidores. De acordo com os funcionários, quase todas as pessoas que trabalham no local já ficaram doentes. "Sendo bastante generosa, 98% dos funcionários daqui já ficaram doentes devido ao trabalho aqui", diz a enfermeira Larissa Mendonça, se referindo tanto às doenças contagiosas, como também àquelas adquiridas com a rotina e a pressão do trabalho. Daniela Cristina ressalta que esses problemas acabam sendo transmitidos para outras pessoas da família. "Eu já fiquei doente e

minha filha já pegou de mim", revela. A falta de medicamento é outra barreira enfrentada para a manutenção do trabalho. "Aqui não tem medicamento básico, coisa de urgência. Não tem remédio para vômito, para dor. Algumas vezes temos de pegar as amostras grátis que alguns fabricantes disponibilizam", conclui a enfermeira Cídia Teixeira. Larissa Mendonça também revela a falta de equipamentos como cilindros com oxigênios e fluxômetro. A água para o uso dos funcionários é comprada por eles próprios, pois "se a gente não compra, não tem água para beber", diz ela. Questões estruturais também afetam a unidade. Em diversos pontos, o forro de gesso está caindo e o mofo frequente também é mais um risco para a saúde dos funcionários, pacientes e acompanhantes. O laboratório foi realocado, pois uma rachadura cruza

a sala de uma parede a outra. Outro problema enfrentado na unidade é a constante superlotação. Muitos dos pacientes são oriundos de outras regiões da capital e até mesmo de outras cidades. Por isso, alguns chegam a esperar até 36 horas por uma vaga em outra unidade com o agravante de que não tem alimento para estes pacientes, nem para os acompanhantes, apenas para os funcionários. "O pessoal da cozinha pega parte do alimento dos funcionários e faz um sopão para entregar aos pacientes", revelou Larissa Mendonça. A questão salarial e de gratificações é um dos grandes enfrentamentos. Segundo a auxiliar de enfermagem, Kelly Jane Pinheiro Teixeira, não existe reajuste de salários há quatro anos. Outra questão diz respeito às gratificações dos plantões. Os poucos funcionários que recebem estão com o benefício atrasado há anos.

Wellington Rocha

Servidores e usuários são obrigados a conviver com problemas como infiltração e mofo CMYK


Cidade

Quinta-feira

Natal, 26 de setembro de 2013

O Jornal de HOJE 11

Alex Medeiros alex.medeiros1959@uol.com.br

Pai, filho e espírito amoroso Confesso que tenho me envaidecido nas abordagens de alguns leitores comentando e parabenizando pelo artigo "A marcha das vadias", publicado aqui em 29 de julho, onde critico a insanidade de algumas feministas contra os fiéis que foram ver o papa no Rio. Em sua grande maioria católica, os leitores enaltecem a maneira como defendi meu posicionamento filosófico a respeito das religiões, defendendo-as todas mesmo com uma sólida convicção do meu ateísmo. Repito: o ateu não é o oposto do religioso. O assunto sempre vem à baila quando me deparo com algum amigo cristão. Gosto de conversar sobre Jesus, sobre a Bíblia, com figuras que considero grandes pensadores católicos, como o deputado José Dias e o advogado Paulo de Tarso Fernandes. Não vejo nenhum obstáculo para afastar pessoas de fé religiosa das que não concebem a existência do sagrado. Evidente que em alguns debates onde a cerveja e o vinho dominam a liturgia, solto picardias que aos ouvidos dos fundamentalistas soam heresia. Mas, na maioria das vezes, a irreverência do ateu se desvanece na fumaça do charuto e nos risos dos bons cristãos que, felizmente, não defendem a imagem de Cristo com a mesma ira santa dos muçulmanos defendendo Maomé contra uma mera caricatura. Desde a tenra idade, me acostumei com minha mãe glorificando a própria fé, que ela jurou - até morrer - inquebrantável. Sua ligação com o céu cristão era tanta que até quando procurava uma tesoura perdida pedia ajuda a Jesus e ao Espírito Santo. Pré-adolescente já um tanto influenciado pela incredulidade silenciosa do meu pai e por um agnosticismo em botão do mano mais velho, eu brincava com minha mãe. Como a tesoura teria sido reencontrada por um pequeno milagre, se não havia saído da casa? Cresci vendo adultos jurando graças alcançadas e acendendo velas de agradecimento. Ali pelos vinte anos, um saudoso amigo que já partiu foi até lá em casa pedir à mamãe para rezar pela sua aprovação no vestibular. Morreu crendo que Jesus agiu nas provas. A concepção dos efeitos da fé é uma ação muito particular, e não cabe a um ateu desrespeitá-las, apesar das boas regras do bom humor remeter a uma ironiazinha qualquer, como faço aqui e ali, dependendo da intimidade que tenho com o crente.

GRANA DO POVO

TV VIOLÊNCIA II

No Brasil, esquerda e direita sempre andaram juntas na defesa do voto obrigatório e do financiamento das campanhas eleitorais com dinheiro público. Este ano, o famigerado Fundo Partidário vai depositar quase R$ 300 milhões nas contas dos partidos.

Eu prefiro encher um filho de games de guerra e destruição, comprar para ele todas as réplicas de fuzis e metralhadoras, pagar a assinatura dos canais de UFC e MMA, do que vê-lo diante da TV assistindo programas do tipo José Luiz Datena ou Marcelo Rezende.

GRANA DO POVO II

MILITARES

Serão R$ 286 milhões divididos para os atuais 29 partidos (ainda sem contar os dois novos registrados ontem), cabendo R$ 54 milhões ao PT e R$ 42 milhões ao PMDB, os sustentáculos do governo Dilma Rousseff. Os dados são do próprio TSE.

O ambiente dos quartéis no Brasil é de orfandade em relação às grandes lideranças. O chefe maior do Exército, general Enzo Martins, é um apaziguador, um patriota que toca suas tropas para longe dos conflitos sociais e políticos. E isso, saibam, não é bom.

INDIFERENÇA

INCÔMODOS

Eliane Cantanhêde revela o detalhe, na Folha: durante a fala de Dilma na ONU, não estavam por lá o presidente dos EUA, Barack Obama, nem o secretário de Estado, John Kerry, nem a secretária de Segurança, Susan Rice. Todos chegaram bem depois.

A perspectiva é grande das obras de mobilidade anunciadas pelo prefeito Carlos Eduardo não terminarem no prazo estabelecido. Em assim sendo, Natal poderá sediar a Copa com o trânsito piorado mais do que já é, atravancado pelos desvios de rotas.

DÍVIDA NA ESTRATOSFERA Ontem, um velho amigo me contava das dificuldades pessoais por que passou há alguns anos, após acumular problemas financeiros, um divórcio e uma doença do pai, tudo num mesmo período. Desde menino, aprendi a ser um bom ouvinte das agruras alheias. Num dado momento, meu amigo alertou que o episódio que iria narrar não me sensibilizaria, "já que você não acredita nessas coisas". As tais "coisas" que ele se referia era a crença no deus cristão e na relação direta do mesmo com as pessoas. Coloquei-me atento para ouvir a narrativa: ele disse que a crise foi tanta que passou uma noite inteira olhando para um revólver que colocou sobre um móvel, disposto a usá-lo contra si mesmo, impondo um fim ao martírio. Andava de um lado para o outro. Aí veio o momento que ele dizia ser crucial e que ia de encontro aos meus conceitos ateus. Pôs a mão na cabeça, esfregando os cabelos para trás e gritou em silêncio para que deus lhe desse uma luz, que o ajudasse naquela hora de tão terrível situação. "Meu caro Alex, não se passaram sequer 3 minutos e meu celular tocou; vi o nome do meu filho no visor", contou ele. E segue o diálogo de pai e filho: "Oi, meu amor. - Oi, pai, me deu vontade de tomar uma cerveja com o senhor, você pode? - Claro, amor". Aquele convite, já pelas 23h, desviou seus pensamentos torturantes, meu amigo esqueceu a arma em casa e foi curtir um papo, uma cerveja gelada e a companhia do filho. E me disse ao final: "São provas assim, Alex, que você ainda não acredita". Como eu tenho também minha fé nas pessoas e nas relações entre seres que se amam, contraditei meu amigo imediatamente: "Sua história comprova uma certeza minha: filhos e cerveja são coisas sagradas". Vai dizer que ambos não salvaram a vida do meu amigo? (AM)

EMPREGOS

O Brasil soma uma fortuna de US 3 trilhões nas dívidas interna e externa, consequência de uma bola de neve que rola desde o governo Lula, quando a mentira do pagamento ao FMI foi decantada em prosa e verso pelo PT. Nunca houve a quitação da dívida.

O período entre agosto e dezembro em Natal poderá ser mais que positivo no âmbito da geração de novos empregos, graças às novas lojas e serviços abertos com a ampliação do Natal Shopping Center, que vai ficando aos poucos com jeito de mega shopping.

TV VIOLÊNCIA

PIADA NA REDE

Nada. Nem armas de brinquedo, nem jogos de tiro, nem filmes de guerra, nem UFC ao vivo, nem farra do boi, nem vaquejada, nem o desenho de Tom & Jerry. Nada mesmo é mais nocivo à formação das crianças do que a violência real exibida na TV aberta.

Inspirado no "Mais Médicos" e na importação de profissionais estrangeiros, um hilário publicitário da nova geração está propondo um "Mais Blogueiros", onde os candidatos farão um "revalida" gramatical e terão que falar e escrever certo em português.

Força do cérebro Por todo o mundo, experiências científicas no campo da neurologia estão fazendo pessoas superarem as barreiras da deficiência física com a interface cérebro-máquina, como já ocorreu na Bahia, onde cientistas da FioCruz fizeram um paraplégico andar. Agora, garotos e garotas do 5º ano da Escola Classe 25, em Ceilândia (DF), criaram uma cadeira de rodas movida por estímulos cerebrais. E sem recursos milionários do governo federal.

Danilo Sá jornalistadanilo@hotmail.com / danilo.sa@folha.com.br

A VINGANÇA DO CEBOLINHA

Reprodução

SEM MÁGOAS

Apesar de se manter, pelo menos publicamente, irredutível quanto a não ser candidato a governador em 2014, cresce as apostas em torno de uma possível entrada do deputado federal Henrique Eduardo Alves (PMDB) no jogo eleitoral de 2014. E, nos bastidores, até mesmo a chapa já estaria sendo formada, com a ex-governadora Wilma de Faria (PSB) para o Senado. Desse jeito, o PT indicaria o nome do vice.

DIFICULDADES

ROGÉRIO GENTILLE Secretário de Redação da Folha de São Paulo O Brasil é pródigo em aprovar leis absurdas, inúteis ou simplesmente idiotas. Já houve cidade que aprovou a criação de um aeroporto para extraterrestre, município que vetou o uso de camisinha porque estava perdendo repasse federal com a queda da população e até mesmo prefeito que decidiu proibir o cidadão de morrer por falta de vaga em cemitério. Nem mesmo o acadêmico Fernando Henrique Cardoso escapou de colocar sua assinatura em grandes bobagens. Em 1998, o então presidente sancionou uma lei estabelecendo punições para crimes ambientais. O texto determinou, por exemplo, detenção de até um ano para quem utilizar motosserra em florestas sem a devida autorização legal. Até aí, tudo bem. O problema é que a norma instituiu pena mais dura para quem cometer o crime durante a noite, num domingo ou em um feriado. Vá entender a lógica...

No início da semana, o Distrito Federal aprovou mais uma lei que merece entrar para os anais do folclore legal brasileiro. Simplesmente proibiu a comercialização de armas de brinquedo, mesmo as que disparam espumas ou luzes de laser. A justificativa do governo Agnelo Queiroz (PT) é que a proibição, sob pena de multa de R$ 100 mil e fechamento do estabelecimento comercial, é importante no processo de "construção da paz e na conscientização das crianças". Trata-se de uma grande asneira, ainda que em sintonia com a mentalidade politicamente correta dos tempos atuais. Desde quando brincar de mocinho e bandido torna alguém um criminoso em potencial? Para ser coerente, o governador deveria proibir também a comercialização no Distrito Federal de certos games, de filmes de ação, dos sabres de luz tipo "Star Wars" e, claro, até mesmo dos gibis da "Turma da Mônica". Afinal, faz 50 anos que a menina resolve todas as suas pendengas com o Cebolinha e o Cascão na base da coelhada...

Neste caso há, pelo menos, dois problemas. O primeiro seria convencer o PT e a deputada Fátima Bezerra a desistirem da candidatura ao Senado. O segundo, é o isolamento que seria imposto ao vicegovernador Robinson Faria (PSD), único pré-candidato já colocado até agora no processo eleitoral. Se não houver uma boa articulação, pode vir mais rompimento à vista.

PRÉ-CAMPANHA

Por falar em Robinson, o PSD no Rio Grande do Norte promove amanhã, a partir das 10h no Ocean Palace, em Natal, a filiação dos novos integrantes do partido no Estado. O encontro irá marcar a filiação de integrantes que disputarão as eleições em 2014 e que participarão do projeto do partido para o Estado, representando segmentos diferentes, como educadores, médicos e profissionais liberais.

ARTICULAÇÃO

Foi dura a tarefa do vereador Júlio Protásio (PSB) na busca pela aprovação da Câmara para o empréstimo solicitado pela Prefeitura junto a Caixa Econômica. Já no seu segundo dia de retorno na função de líder do prefeito Carlos Eduardo, precisou gastar muita saliva para convencer os vereadores insatisfeitos com o Executivo a aprovarem a matéria, como acabou conseguindo no final da sessão.

Gira Mundo Reprodução

Está na Folha de São Paulo de hoje. Um site que promove a presidente Dilma Rousseff na internet desde 2008 virou fonte de constrangimento para o Palácio do Planalto nos últimos dias, ao associar o presidente do Supremo Tribunal Federal, Joaquim Barbosa, à imagem de um macaco. A associação foi feita há uma semana pelo Blog da Dilma para ilustrar um artigo do ex-deputado federal pelo PT Luiz Eduardo Greenhalgh sobre o julgamento do mensalão. A ilustração era composta por um macaco sorridente em primeiro plano, Barbosa ao fundo e uma legenda: "Ainda vai Barbosinha? kkkkk". Racismo pouco é bobagem.

Megafone Divulgação

“Em 45 anos na área jurídica, nunca presenciei comportamento tão ostensivo dos meios de comunicação buscando pressionar e virtualmente subjugar a consciência de um juiz”

MINISTRO CELSO DE MELLO SOBRE O SEU VOTO A FAVOR DA REABERTURA DO JULGAMENTO DO MENSALÃO

PONTO POSITIVO

Para Júlio, a aprovação do projeto foi uma demonstração de força e de sua capacidade de articulação política, exatamente o que mais a Prefeitura estava precisando dentro da Câmara, diante das seguidas derrubadas de vetos em plenário. Além disso, com sua atuação, acabou eliminando as chances de repercussão negativa que a rejeição ao empréstimo traria para o próprio Legislativo e, claro, para a cidade.

CONTRA O TEMPO

Em tempo, caso Natal não conseguisse os recursos oriundos do empréstimo, que serão destinados a quitar as contrapartidas das obras de mobilidade urbana, até segunda-feira (30), correria risco de perder os recursos federais já conquistados para os projetos previstos com a realização da Copa do Mundo de 2014. Com o dinheiro em caixa, agora cabe ao município correr contra o tempo para viabilizar os projetos antes do evento começar.

CIDADANIA

A Câmara Municipal de Natal promove amanhã, a partir das 9 horas, audiência pública sobre o Dia da Cidadania, recentemente criado pela Assembleia Legislativa no RN. Iniciativa do juiz Jarbas Bezerra e da advogada Lígia Limeira, a solenidade será uma forma de colocar em debate, com representantes de escolas da cidade, a importância da cidadania ser ensinada desde cedo. O encontro foi proposto pelo vereador Júlio Protásio.

POTIGUAR

Na próxima sexta-feira (27) o empresário Aécio Diniz, controlador da Rede de óticas Diniz no RN, recebe o título de cidadão norte-rio grandense em solenidade, às 10h, na Assembleia Legislativa. A honraria foi sugerida pelo deputado estadual Ezequiel Ferreira de Souza (PTB). Natural de Catolé do Rocha (PB), o empresário tem uma história de sucesso no Rio Grande do Norte.


12 O Jornal de HOJE

Natal, 26 de setembro de 2013

Cidade

Daniela Freire

I

Quinta-feira Bobflash

I

I

POLÍTICA E SOCIAL - daniela.freirecosta@yahoo.com.br

w TENTANDO RESOLVER...

Em sua passagem por Brasília essa semana, a governadora Rosalba Ciarlini não tinha a intenção de se limitar a cumprir a agenda administrativa divulgada à imprensa local. >>> Conversas políticas com o presidente nacional do DEM, senador José Agripino Maia também estavam marcadas. >>> No entanto, quem ficou com essa missão foi o seu marido e chefe da Casa Civil Carlos Augusto. Que ficou na capital federal para tentar convencer Agripino a desistir da briga com irmão-deputado Betinho Rosado, que se desfiliou do DEM sem autorização do 'dono' do partido - o DEM pode pedir na Justiça o mandato dele na Câmara Federal. >>> Por isso mesmo que a Rosa voltou ao RN sozinha.

DeSaboya.com

Thacyanne Flor no novo Chaplin Recepções Sandra Elali, Marina Elali e Isabella Vale de Araújo Guimarães na inauguração da Highstil no Natal Shopping Mulheresnofds Márlio Forte

w PLANO...

A declaração da vice-prefeita Wilma de Faria de que o PSB terá candidato majoritário em 2014 e o 'afago' no PMDB de Garibaldi Filho e Henrique Alves pode não significar exatamente que ela deseje uma candidatura ao Governo do RN. >>> Analistas da política local acreditam mais em outra possibilidade: Wilma candidata ao Senado. >>> Isso mesmo!

w GIRO PELO TWITTER...

...do vereador mossoroense do PSB Lahyre Rosado Neto: "Notícia em primeira mão: presidente nacional do PSB Eduardo Campos deverá estar em Mossoró em outubro";

Registro de longe da discussão acalorada entre os deputados adversários Nélter Queiroz e Vivaldo Costa, nesta quarta, na AL DeSaboya.com

w ...PARA 2014

...do jornalista Alex Viana: "Luiz Almir afirma que fim do voto secreto já era lei desde 2001";

E com o apoio do PMDB, que, esse sim, indicaria 'o cabeça' de chapa, o candidato a governador. >>> Nesse caso, o deputado Henrique Alves seria o mais cotado, segundo comentários sobre a cena política potiguar. >>> É aguardar, já que na política tudo pode mudar...

Verão 2014 F.Sisters

w CRISE

w IMPEDIMENTO? Aliás...

>>> ...um detalhe importante nesse jogo de xadrez é que o presidente nacional do PSB Eduardo Campos articula candidatura a presidente da República. >>> De que forma seria criada uma chapa com Wilma apoiando Eduardo e o PMDB a reeleição de Dilma?

w

CALCULADORA NA MÃO E os deputados estaduais já começaram a fazer as contas para a composição de chapa proporcional para a eleição do ano que vem. >>> A partir das possibilidades de alianças, eles concluíram que uma coligação entre PMDB, PSB e PSD seria "pesada demais" para os concorrentes, podendo até dificultar a reeleição dos que já são detentores de mandato na Assembleia Legislativa.

w

PREPARATIVOS O PSD no Rio Grande do Norte promove amanhã, às 10h, no Ocean Palace, a filiação de novos integrantes do partido no Estado. >>> O encontro, que será comandado pelo presidente regional do partido, vice-governador Robinson Faria, irá marcar a filiação de novos integrantes que irão disputar as eleições em 2014 e que irão participar do projeto do partido para o Estado. >>> O evento também contará com a participação do deputado federal Fábio Faria, dos deputados estaduais Gesane Marinho e José Dias, e de prefeitos, vices, vereadores...

Emilio Hipólito e Jarbas Bezerra marcando presença na inauguração da Highstil

w

MIRANDO... Já para os federais... >>> ...uma composição com a união dessas três siglas seria como o 'loteamento' certo de vagas. >>> Nesses casos, a turma não conta com o PT, que costuma sair sozinho.

w DE VOLTA À CASA

Ex-prefeito de Nova Cruz no Agreste e de Tacima, na Paraíba, o exdeputado Targino Pereira quer retornar à política do Rio Grande do Norte. >>> Filiado ao PMDB desde 1987, onde permaneceu mesmo quando transferiu seu domicílio eleitoral para a Paraíba, ele vai deixar o partido e assinar a ficha do PCdoB. >>> Com cálculos de cociente nas mãos, Targino acha viável o seu retorno a Assembleia Legislativa do RN.

Secretaria de Segurança do RN amanheceu o dia de hoje sem internet. >>> Pelos corredores da pasta, a informação era de que o provedor cortou linha por falta de pagamento. >>> Eita, governo Rosa!

w DEPOIMENTO

"Doutor Carlos Augusto humilhou os servidores (do ITEP) do Rio Grande do Norte na minha presença e na presença do deputado Fábio Dantas". >>> Da deputada Márcia Maia em discurso nesta quarta na Assembleia Legislativa.

w EXPECTATIVA

Da batalha jurídica que o RN esperava travar ontem no STF, apenas um processo entrou em pauta: o da URV. >>>

De tão complexo, o julgamento consumiu uma tarde inteira. >>> A procuradora Ana Karenina fez uma elogiada sustentação oral. O Estado de São Paulo foi aceito como "amicus curiae (amigo da Corte)" e defendeu o Estado do RN. >>> Já o procurador Geral da República, Rodrigo Janot, deu parecer oral contra o RN. E o julgamento foi adiado para hoje.

w MAIS...

Ainda na pauta de julgamentos de hoje envolvendo o Estado do RN, o julgamento dos duodécimos do TJRN. Trata-se de um mandado de segurança com pedido de liminar solicitado pelo Tribunal de Justiça do RN contra o Governo do Estado para o repasse de 100% dos duodécimos do Judiciário, referente ao exercício de 2012 e 2013. >>> O relator é o ministro Ricardo Lewandowski.

...da colunista nacional Mônica Bergamo: "Lobão vai ser colunista da revista Veja".

w AGENDA SÓ

SE FOR PESSOAL O deputado federal e presidente da Câmara dos Deputados, Henrique Alves, não está muito interessado em falar sobre política essa semana. >>> Motivo: o casório no fim de semana com a 'socialite' Laurita Arruda. >>> Pausa em entrevistas polêmicas pode ser necessária...

w HOMENAGEADO

É amanhã que o empresário Aécio Diniz, controlador da rede de Óticas Diniz no RN, recebe o título de Cidadão Norte-Rio-Grandense na Assembleia Legislativa. >>> A honraria foi sugerida pelo deputado estadual Ezequiel Ferreira de Souza. A solenidade está marcada para às 10h. >>> Aécio nasceu no município de Catolé do Rocha, na Paraíba, cidade distante mais de 430 quilômetros da capital, João Pessoa.


Cidade

Quinta-feira

Natal, 26 de setembro de 2013

O Jornal de HOJE 13

Cena Urbana VICENTE SEREJO - serejo@terra.com.br w AVISO Convenhamos: se o senador Garibaldi Filho não perdoar, de público, as mágoas da ex-governadora Wilma de Faria, das duas uma: não é um bom cristão, ou, tanto pior, não acredita no perdão de Wilma.

w QUEM? - I Algumas figuras curiais ouvem vozes estranhas segredando em seus ouvidos os nomes apontados nas conversas das sacristias e dos refeitórios. Tentam adivinhar quem pode ser a fonte de todas as notícias.

w PIADA É hilariante a Justiça mandar os grevistas se afastarem duzentos metros do gabinete da governadora e o Centro Administrativo ser roubado logo depois. É do tempo de O Impossível Acontece, de O Cruzeiro.

w NOMES - II Para uns, e por ser amigo, é o padre João Medeiros. Para outros, é Monsenhor Lucas, afinal ele casou o colunista há quarenta anos. Há quem diga: é Padre Campos! E quem sussurre: é padre Pedro Ferreira...

w ATENÇÃO Tomara que no seu inventário de bens materiais e imateriais o Sebrae corrija, desta vez, as distorções daquele livro bonito e cheio de equívocos lançado há alguns anos por uns 'alienígenas' muito sabidos.

w TODOS - III Sabem, e acima deles Deus, que não informam absolutamente nada a esta coluna. Até porque algumas manhãs os e-mail nesta tela, e depois de um longo vôo, pousam, como pássaros cansados, nesta janela.

w AINDA Bem que desta vez a equipe conta com o olho atento e natalense de Eduardo Alexandre Garcia para registrar históricos, ofícios, nomes e celebrações. Chega de improvisações intelectualmente precárias.

w ALIÁS - IV Pouco preparados para a especulação e a indagação, o que só um bom lastro filosófico pode garantir, nem ao menos notam: se as fontes fossem locais outras colunas também saberiam dos segredos curiais.

w LIVRO Abimael Silva lança sábado, depois de amanhã, no Sebo Vermelho, entre 9 e 12h uma nova edição Moreira Brandão, de José Moreira Brandão Castelo Branco, um dos patronos da Academia de Letras. w ILHA Nina Horta, na coluna do caderno Comida, da Folha, não teve dúvida: se fosse para uma ilha deserta levaria jaboticabas. Quando mais jovem, a escolha seria pão de queijo. E banana? Só a bananinha ouro. w FLORES Em São Paulo, saudando a primavera, restaurantes lançam a moda: saladas com flores. De preferência de abobrinha, capuchinha, calêndula, flor de Borago e Amor-perfeito. Flores consideradas comestíveis.

F

Mais duas coincidências

ui contar aquela pequena história da coincidência de títulos nas biografias escritas por Câmara Cascudo e Costa Porto sobre a vida e a glória imperial do Marquês de Olinda, veio, então, a pergunta de um amigo, curioso diante dos pequenos mistérios que, embora sem valor, instigam o colecionador. Sim, há mais dois títulos. Não citei na crônica porque não existe qualquer semelhança de conteúdo: Alma Patrícia e Joio, os dois primeiros livros de Cascudo, voltados para a vida e a crítica literárias. Alma Patrícia, como sabem os cascudófilos e cascudólogos, é seu livro de estréia, resultado de sua militância em A Imprensa, jornal do seu pai, onde exercitou o gosto literário logo a partir de 1918. Foi impresso nos prelos manuais do Atelier Typographico de M. Victorino, de A. Câmara e Cia, Rua Coronel Pedro Soares, 8 - Natal, 1921. E Joio, na Off. Graphica d'A Imprensa, Natal, 1924, primeiros exercícios de um olhar mais distante da província, com uma incursão pela Argentina e seus escritores. Dos dois casos, o mais próximo é a coincidência de um Joio lançado ainda em 1928, só quatro anos depois do Joio de Cascudo, em 1924. A justificar, diante da proximidade de datas, o fato do Joio cascudiano ter tido uma pequena circulação entre províncias e naquela primeira metade dos anos vinte quando o autor ainda não merecera qualquer consagração, nem mesmo regional. O Joio de São Paulo é um livro de Edvard Carmilo, edição muito bem impressa com a boa marca do impressor Elvino Pocai.

O mesmo não se pode dizer de Alma Patrícia, edição da Livros Raros Ltda, Porto Alegre, 1985, um romance classificado pelo autor como 'um turbilhão da humanidade', e um subtítulo - 'Milagre dos Pães - amargura', de Carlos Zigon. Aliás, e mesmo por estranho que possa ser, além do romance, estão incluídos alguns contos do autor no mesmo volume, quase sempre epigrafados com frases que vão das bíblicas profecias de Mateus, no Sermão da Montanha, aos versos tristes do grande Alfred de Musset. Pra ser justo, Senhor Redator, não se sente o gosto do plágio intencional, do desejo sorrateiro de copiar a idéia do outro. No caso de Joio, pelo velho e largo uso corrente de uma expressão popular que separa a pobreza do joio, a gramínea que cresce por entre as plantações do trigo, este sim, de nobre estirpe na história humana. E Alma Patrícia por ser expressão de uso corrente nos falares portugueses, empregada por Cascudo para designar a reunião de ensaios sempre em torno de autores conterrâneos. Nada fere a singularidade desses livros. Cada um cumpre, no tempo e no espaço, o destino que lhes foi dado ter na dimensão dos leitores de perto ou de longe. E se são aqui mencionados, nenhum outro valor o fato pode ter a não ser revelar a coincidência de títulos e autores. Como lembrou Cascudo ao dedicar sua História do Rio Grande do Norte a Sylvio Pedroza citando os versos do poeta português Antônio Ferreira: 'Eu desta glória só fico contente / que a minha terra amei, e a minha gente'.

88 edição da Assembleia Cultural é marcada por diversidade de ritmos a

PROJETO DE VALORIZAÇÃO DA CULTURA POTIGUAR É REALIZADO MENSALMENTE Dois shows completamente distintos nos ritmos e estilos, mas marcados pelo grande talento dos artistas, deram o tom da 88ª Assembleia Cultural, na noite desta quarta-feira (25) no Salão Nobre da Casa. Primeiro foi o compositor, multi-instrumentista e arranjador Antônio de Pádua, que subiu ao palco com sua banda integrada também por membros da família. Um show mais intimista e em boa parte instrumental, mistura de MPB, chorinho e outros ritmos de pura brasilidade. Esta foi a primeira vez que Antônio de Pádua se apresentou no AL Cultural. "Já conhecia o projeto e acho uma iniciativa interessante no cenário cultural do nosso Estado", disse. Ele vai gravar seu próximo CD no dia 20 de outubro, em show no Teatro Riachuelo, que terá a participação do pernambucano Antônio Nóbrega. O artista, que é bacharel em trompete pela UFPB, se apresentou em Klagenfurt, na Áustria, com a Jatobá Big Band recentemente. Em Natal ele também é professor de cavaquinho, trompete e pandeiro do IMWA e maestro da Banda Independente da Ribeira de Natal e em Goianinha, da Banda de Música municipal. Antônio já atuou como músico convidado nas orquestras: Sinfônica da Paraíba, Sinfônica do RN e Filarmônica NorteNordeste. Depois o brega tomou conta do Salão de Eventos: foi a vez de Carlos Alexandre Júnior, filho do saudoso rei do brega do RN, morto num acidente automobilístico há mais de 20 anos. Feiticeira, Ciga-

asfadsfsfsdf

Atrações de ontem foram o multi-instrumentista Antônio de Pádua e Carlos Alexandre Júnior (foto), com sucessos do brega ninha, Arma de Vingança. O artista começou o show com os hits do passado que fizeram o talento do pai ser conhecido nacionalmente. Os dois shows agradaram em

Fernandes, que já participaram de várias edições. "Os artistas são muito bons e o projeto é bacana", disse Júnior.

‘ ’ "Os artistas são muito bons e o projeto é bacana" JÚNIOR BAIANO QUE ACOMPANHA VÁRIAS EDIÇÕES DO AL CULTURAL

cheio ao público fiel que mensalmente prestigia o AL Cultural. Como o casal Júnior Baiano e Ana

LANÇAMENTO LITERÁRIO Em paralelo aos shows, o escritor Petronilo Hemetério Filho

lançou o livro `Aderson Dutra médico e estadista`, biografia do ex-deputado e médico falecido há 20 anos. A noite de autógrafos foi bastante prestigiada e este é o terceiro livro do escritor, historiador e ex-professor. Petronilo disse que foram três anos de pesquisa sobre o biografado, que foi constituinte no primeiro dos três mandatos na Assembleia Legislativa do RN. Aderson Dutra também foi prefeito de Patu duas vezes: "Ele tinha um projeto muito sólido, pensando no futuro da sociedade, não só de Patu, mas do Rio Grande do Norte. Sua história vai ficar registrada para as gerações futuras", disse o escritor.

w SAIBAM - V Quantos sofrem o martírio da sofreguidão: o sigilo da fonte é como o segredo da confissão, inviolável. Mesmo num mundo de convivência global, sem fronteiras, onde todos sabem de tudo na grande tribo. w FUNERAL A Unimed Seguros lançou agora o Garantia Funeral. Além das módicas prestações mensais de R$ 20 reais, o futuro morto 'ainda' concorre ao sorteio de mais R$ 10 mil reais. Bom mesmo é esse 'ainda'. w COMO? Quando nada estranha a audiência da governadora Rosalba Ciarlini com nossos intelectuais e editores que vão a Frankfurt. O que dirá a governadora a todos eles da mui nobre e soleníssima arte de editar?

Domingo é dia do Projeto Som da Mata no Parque das Dunas A família natalense ganhou de volta a alegria de passear aos domingos no Parque das Dunas ao ritmo das atrações do consagrado projeto Som da Mata. Em sua próxima edição, 29/09, o Anfiteatro Pau Brasil, no Bosque dos Namorados, irá receber o quinteto instrumental potiguar Camarones Orquestra Guitarrística, que aproveita para comemorar seus cinco anos de atividade lançando seu mais novo álbum: “O Curioso Caso da Música Invisível”.O evento começa às 16h30 e o acesso ao Parque das Dunas custa R$ 1,00. O disco é o terceiro trabalho do grupo e vem com composições recheadas de riffs, levadas marotas e influências que acompanham o grupo desde o começo: reggae, rocksteady, rock, rockabilly, entre outros estilos animados e dançantes que permeiam a música no mundo. O novo álbum foi gravado em Natal, no Estúdio Dosol, com produção de Anderson Foca e co-produção da própria banda e de Henrique Geladeira. A mixagem e masterização do álbum foram feitas no Megafone Estúdio também de Natal num trabalho conjunto de Ander-

son Foca e Eduardo Pinheiro. Com relação aos trabalhos anteriores, a grande novidade desse terceiro álbum é a utilização de novos elementos sonoros como percussão indígena e naipe de metais. Desbravadora de novas rotas, o Camarones é um dos grupos independentes mais ativos do país, já tendo viajado por todas as regiões do Brasil, além da Argentina e Uruguai, contabilizando mais de 400 shows desde 2008. A banda potiguar é formada pelos músicos Ana Morena (baixo), Anderson Foca (teclado e efeitos), Flávio Dado (bateria), Dante Augusto (guitarra) e Fausto Alencar (guitarra). Em 2013, o Camarones segue mais maduro, porém mantendo a sua característica de fazer uma música simples, pop e com bastante pegada, o que tem despertado grande interesse do público e mídia por onde passa. O projeto Som da Mata acontece graças à renúncia fiscal da Prefeitura através da Lei Djalma Maranhão e do aporte financeiro do Programa Unimed Cultural, além do apoio do Governo do Estado por meio do IDEMA e Parque das Dunas.


14 O Jornal de HOJE

Cidade

Natal, 26 de setembro de 2013

Quinta-feira

Fotos: Divulgação

Turismo FLÁVIO MARINHO - fmarinho@maiscomunica.com

REDUÇÃO DO ICMS Merece reconhecimento o esforço que o secretário de Turismo do Estado, Renato Fernandes, vem desenvolvendo no sentido de o governo Rosalba Ciarlini autorizar a redução do ICMS do querosene de aviação para os voos fretados, iniciativa que iria estimular a vinda de novas operações aéreas para Natal, cidade que nos últimos anos vem contabilizando inúmeras perdas de voos.

RECURSOS OBTIDOS Por falar em Renato Fernandes, o mesmo, nas últimas semanas, tem procurado dinamizar a sua comunicação, certamente em busca de conter os comentários negativos sobre a atuação de sua pasta. Como quem não se comunica se trumbica, Fernandes já capitalizou como conquista de sua gestão o aumento do orçamento 2014 do Turismo em mais de R$ 10 milhões.

> HOTEL REIS MAGOS A partir da próxima terça-feira, dia 1º, começa a contagem regressiva para se resolver a polêmica em torno da recuperação do Hotel Reis Magos. O secretário de Turismo de Natal, Fernando Bezerril, está focado em resolver o assunto de forma rápida e definitiva, conforme deseja o prefeito Carlos Eduardo. Ou seja, Bezerril está decidido a não permitir que o grupo Hotéis Pernambuco, proprietário do estabelecimento, continue postergando a solução para o problema. Ao longo da primeira semana de outubro, o grupo pernambucano terá que apresentar o novo projeto para o hotel Reis Magos, dentro das normas do Plano Diretor.

ÁREA ECONÔMICA A principal barreira que trava a ALIÁS iniciativa de Renato Fernandes é a O Secretário também deixa própria área econômica do governo, claro que os recursos da ordem de que sofre de uma espécie NEGÓCIOS de "miopia IMOBILIÁRIOS R$ 30 milhões, que vão ser destireversa" - aquela que consegue ver nados para a reforma e ampliação perdas de receita onde não existem ga- do Centro de Convenções de Natal, nhos. Com a imagem extremamente foram por ele obtidos junto ao Midesgastada, a governadora, caso venha nistério do Turismo. A verba já está adotar a medida, poderia reverter um assegurada na conta da Secretaria pouco do conceito negativo que o seu de Infraestrutura do estado, órgão governo conseguiu amealhar junto ao que estaria apenas "pastorando" a empresariado do turismo. grana de Renato.

> JULIA ARRUDA APROVA LEI CONTRA A VIOLÊNCIA SEXUAL

> FESTIVAL DA PIPA Canindé Soares

Terá início no próximo final de semana - sexta-feira, dia 04 -, o Festival Gastronômico da Pipa, que irá contribuir para alavancar a ocupação do mais famoso balneário potiguar até o dia 12 de outubro, quando se encerra. Uma inovação na edição 2013 são os "FESTINS", jantares particulares de pompa, caracterizando exclusivos banquetes para grupos de 60 pessoas. O primeiro FESTIM será no sábado, dia 05, quando o Chef Tadeu Lubambo, do restaurante Camamo, recebe a Chef Sabrina Mahler, no Girassóis Lagoa Resort. Na quinta-feira, dia 10, o Chef anfitrião Walter Dantas recebe o Chef Gabriel Vidolin, no Hotel Ponta do Madeiro.

No momento em que Natal prepara-se para sediar jogos da Copa do Mundo, que irá multiplicar a presença de turistas na cidade, a vereadora Julia Arruda tem aprovado um projeto de Lei que determina que em todos os eventos culturais, artísticos e esportivos realizados em Natal deverá ser veiculada uma mensagem de conscientização contra as violências sexuais de crianças e adolescentes. A determinação veio com a sanção da lei N° 6.403, primeira de 2013 idealizada por Júlia Arruda, que é presidente da Frente Parlamentar da Criança e do Adolescente. Seu objetivo é o de aumentar na população a conscientização da importância do assunto na sociedade. Por esta razão foram escolhidas ocasiões de grande alcance social. A vereadora garante que penalidades serão impostas aos organizadores de eventos que não aderirem à campanha, que tem caráter permanente. O órgão responsável pela divulgação do texto a todos os organizadores e coordenadores dos eventos será o Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (Comdica).

> EMBARQUE LANÇAMENTO DO "PESCARIA" Organizado pelo juiz e iatista Carlos Adel, o livro "Pescaria", de Waldecir Santiago, será lançado no Iate Clube do Natal, no dia 04 de outubro, às 18h. O livro póstumo de crônicas de Waldecir mostra a relação entre a pescaria, o autor e antigos amigos, além de relatos sobre Natal na época de sua infância e adolescência e histórias sobre os personagens que marcaram história do Iate Clube do Natal.

PACOTES ESPECIAIS O empresário Paulo Cesar Gallindo anuncia que a sua churrascaria Fogo & Chama já está comercializando pacotes especiais para as confraternizações de final de ano. Acasa tem capacidade de acomodar até 170 pessoas. Os pacotes especiais são no formato rodízio e coquetel.

liam o conhecimento. Prova disso é que a estudante Caroline Déharbe, obteve média 7,55 na Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica, conquistando "Medalha de Bronze". TAXA DE ROLHA O Jobim Bossa & Jazz, localizado na Praça das Flores, liberou a cobrança de taxa de rolha nas terças-feiras, permitindo que o cliente leve o vinho de sua preferência.

DESEMPENHO Através do desempenho dos seus alunos, o CEI Mirassol vem se destacando nos eventos que ava-

Movimento dos Navios APRONIANO CÉSAR

apronianocfs@hotmail.com

Atraso de navio conteneiro no Porto de Natal pode atrapalhar os exportadores que têm contratos com a Europa NATAL Navio Bandeira Petkum Ant. Barbuda Lagoa Paranaense Brasil Scorpius Brasil Sea Martin Chipre Recanto do Mar III Brasil CMA-CGM Aristote Inglaterra Ronald H. Brown EUA CMA-CGM Homere Inglaterra Silver Cloud Bahamas Louis Aura Grécia

Agência W. Sons W. Sons W. Sons Seamaster GPM CMA-CGM Superservice CMA-CGM Superservice Viamar

Chegada No Porto No Porto No Porto No Porto No Porto 28/09 03/10 05/10 04/12 05/12

Destino Algecira/ESP ---F. de Noronha(PE) Algeciras/ESP Barbados Algeciras/ESP Recife(PE) F. de Noronha(PE)

Carga Contêineres Em Operação Em operação Em operação Mantimentos Contêineres Pesquisa Contêineres ---

Descarga ------Militar -Turismo Turismo

TERMINAL OCEÂNICO DE UBARANA - GUAMARÉ - RN Elka Aristótles

Libéria

Petrobras

No Porto

Salvador(BA)

Óleo cru

"Amsterdã e Cidades Imperiais" é a aposta da Arituba em janeiro PACOTE

DE 12 DIAS DE VIAGEM INCLUI CRUZEIRO PELO RIO RENO AArituba Turismo está lançando o pacote de viagens exclusivo "Amstedã e Capitais Imperiais" com passeios pelas cidades de Amsterdã, Frankfurt, Erfurt, Berlim, Dresden, Praga, Bratislava, Viena e Budapeste. Com saídas no dia oito ou nove de janeiro, serão 12 dias de viagem, que ainda incluem um cruzeiro pelo Rio Reno, city-tours, hotel com café da manhã, ônibus de luxo e um guia acompanhante pela agência. Em Amsterdã, os passageiros irão visitar o moinho de Rembrandt, o Bairro Sul, Praça dos museus, Grande Canal Amstel, Antigo Porto, a Praça Damm, Estação Central, Bairro Judeu e novas ilhas. Além do centro histórico e mercado das flores. Durante o cruzeiro seguindo o curso do Reno para chegar Boppard, será possível ver a Rocha de Loreley, muitos castelos e vinhedos nas encostas do rio Reno. Em Berlim, haverá um passeio com vista panorâmica destacando a Porta de Brandenburgo, o Reichstag, a avenida Unter den Linden, a Igreja Memorial do Kaiser na Ku'Damm, a Alexander Platz, a East Side Gallery e o Memorial ao Muro de Berlim. Na cidade alemã Dresden os

passageiros terão um tour de orientação nesta cidade que foi cruelmente castigada na Segunda Guerra Mundial. Já em Praga, na República Tcheca, haverá passeio pela cidade, pela Torre da Pólvora, a Praça São Wenceslau, a Praça da Cidade Velha, a Prefeitura com sua torre e o famoso Relógio Astronômico,

Bairro Judeu e a Ponte de Carlos. Em Budapeste, capital húngara e o último ponto da viagem, haverá uma visita panorâmica pelas zonas de Buda e Pest, o Bastião dos Pescadores, Praça dos Heróis e a Avenida Andrassy. Outras informações podem ser obtidas através do telefone (84) 3133-3880.

PREMIAÇÃO

Thermas recebe "Certificado de Excelência" do 'TripAdvisor Um dos principais estabelecimentos hoteleiros do Rio Grande do Norte, o Hotel Thermas, localizado em Mossoró, recebeu premiação do site "TripAdvisor", graças a qualidade do serviço que oferece aos seus hospedes. O "TripAdvisor" é o maior portal de viajantes do mundo, com mais de 50 milhões de visitantes por mês e mais de 60 milhões de opiniões e comentários. O "Certificado de Excelência" atesta a aprovação dos hóspedes e, portanto, a qualidade das acomodações, área de lazer e serviços do equipamento turístico. Segundo o gerente geral, Washington Souza, o Thermas, que já possui o selo Turismo Melhor, do SEBRAE, tem como foco melhor ainda mais os seus indicadores. "Estamos estimulando os hóspedes a avaliarem o hotel. É preciso ter muita segurança para isso, mas temos plena confiança nos serviços

Divulgação

que oferecemos", explica. Desde janeiro, o hotel está realizando uma ampla reforma para modernizar todos os seus ambientes. As piscinas do "Planeta Água" estão ganhando um novo revestimento, o bar da piscina foi convertido em restaurante e climatizado. Na área externa, o paisagista Márcio Palermont está refazendo o pai-

sagismo externo e interno e o estacionamento está sendo ampliado. "Todas essas melhorias refletem diretamente na ocupação dos leitos do hotel. Até mesmo as vendas dos "Cartões Passaporte", que garantem o acesso do não hospede à área de lazer do Thermas, praticamente dobraram em um ano. A crise no setor petrolífero não afetou a média de nossa ocupação", garante. Segundo Souza, também já foi concluída a substituição de toda a sua rede de internet WI-FI do hotel, iniciativa que faz parte de um amplo cronograma de reformas que o Thermas está desenvolvendo. "As mudanças têm como objetivos incrementar a frequência do público local, melhorar o suporte para os hóspedes em viagens de negócios e lazer e a recepção dos turistas estrangeiros que estarão na região durante a Copa do Mundo de 2014", assinala.

--

TERMINAL SALINEIRO DE AREIA BRANCA - RN CMB Julliette São Luís

Dia 26 27

Hong Kong Arrow Brasil Arrow

TÁBUA DE MARÉS Hora Altura (M) 14:38 0.9 21:17 1.8 03:49 0.8 10:04 1.7

No Porto Ao Largo

Santos(SP) Paranaguá(PR)

A PROGRAMAÇÃO É CHECADA DIARIAMENTE, PODENDO HAVER ANTECIPAÇÃO OU ATRASO DE ALGUM NAVIO

Sal Sal

Nova

---

FASES DA LUA (05/09 - 08:36h)

Crescente

(12/09 - 14:08h)

Cheia

(19/09 - 08:13h)

Minguante

(27/09 - 00:55h)

> GRUPO DISNEY ASSISTIRÁ JOGOS DA COPA NA ARENA HARD ROCK, EM ORLANDO Divulgação

O grupo Disney 2014 da Aerotur, agência com sede em Natal e filiais em Recife e Fortaleza, viajará para Orlando, no próximo ano, apenas na época das semifinais e finais da Copa do Mundo. Ou seja: na primeira semana de julho. Em Orlando, a Arena Oficial Hard Rock já está reservada para os adolescentes assistirem aos jogos. Vários grupos de amigos já garantiram presença na Disney 2014 da Aerotur. Tal como aconteceu no ano passado, o roteiro da Aerotur incluirá Nova Iorque, Orlando e Miami. Entre as atrações da próxima temporada estão quatro festas exclusivas, espetáculos do Cirque du Soleil e do Blue Man Group em Orlando, passeio de barco até a Estátua da Liberdade e um megashow na Broadway, o espetáculo Mamma Mia. Mais uma vez, o grupo da Aerotur se hospedará no Complexo Disney em Orlando e em hotel categoria quatro estrelas na Big Apple.


Esporte

Quinta-feira

Natal, 26 de setembro de 2013

O Jornal de HOJE 15

DELEGAÇÃO EMBARCA PARA SÃO PAULO SEM CINCO TITULARES E DSON R OCHA , C OUTINHO, WANDERSON

A delegação do América embarca nesta tarde sem cinco titulares para São Paulo, onde enfrentará o Palmeiras no sábado, pela 25ª rodada do Caampeonato Brasileiro da Série B. O técnico Pintado não contará com Edvânio, Rai, Márcio Passos, Fabinho e Rodrigo Pimpão. Apesar de ter treinado ontem com as primeiras opções no banco de reservas, a definição do time ocorrerá em treino marcado para amanhã, no campo do Audax. No último treino, realizado ontem à tarde no CT Abílio

E

PARDAL

SÃO AS NOVIDADES PARA O JOGO CONTRA O Wellington Rocha

Medeiros, as novidades ficaram por conta das entradas de Edson Rocha na zaga, Coutinho no meio-campo, Wanderson na ala-esquerda e Adriano Pardal no ataque. Com exceção de Andrey, o sistema defensivo é o mesmo que atuou no ano passado. Mas Pintado ainda tem dúvidas com o setor de criação. Como Chiquinho Gaúcho não vem correspondendo, Norberto pode ser deslocado para a função. O novo reforço do América para a sequência do Campeonato Brasileiro da Série B, o volante Adílson Goiano, desembarca hoje no Aeroporto Internacional Augusto Severo. Adílson fez carreira no futebol goiano, onde vestiu as camisas de Vila Nova, Crac, Itumbiara, Rio Verde, Morrinhos e Inhumas. Recentemente o jogador defendia a camisa do XV de Piracicaba, do interior de São Paulo, na Série D do Campeonato Brasileiro.

PALMEIRAS Wellington Rocha

Júnior Timbó pode estrear contra o Boa O técnico Roberto Fernandes começou definir o time do ABC para o jogo de sábado contra o Boa Esporte, no Frasqueirão. Além do retorno de Edson ao meio-campo, a grande novidade no treino de ontem à tarde foi a presença do meia Júnior Timbó. O recém-contratado agradou o treinador e os torcedores presentes. Jogando como uma meia avançado, Timbó

mostrou força e velocidade, participando de várias jogadas de ataque. O time iniciou o treino com Wilson Junior, Bileu, Flávio Boaventura, Lino e Bigu; Edson, Daniel Paulista, Somália, Junior Timbó; Alvinho e Rodrigo Silva. Os outros reforços, Toty, lateraldireito e Maurinho, atacante, também treinaram e podem ser relacionados.

Fabinho e Márcio Passos desfalcam o time contra o Palmeiras. Rodrigo Pimpão, Edvânio e Rai também estão fora do jogo de sábado, no Pacaembu.

Divulgação

> NATAÇÃO

Técnica da seleção brasileira de nado sincronizado dá treino em Natal Clínica técnica começa amanhã no Colégio das Neves

A Federação Aquática Norterio-grandense, com patrocínio da Confederação Brasileira de Desportos Aquáticos – CBDA/Correios realizará nos dias 27, 28 e 29 de setembro na piscina do Colégio Nossa Senhora das Neves, uma clinica técnica de nado sincronizado com a professora Maura

Xavier, técnica da Seleção Brasileira adulta de nado sincronizado. A clínica é para as atletas, técnicas, árbitras e amantes do nado sincronizado que terão uma grande oportunidade de aprender e tirar todas as dúvidas sobre esta modalidade tão bela e difícil de ser ex-

Fábio Pacheco Pintado deve tomar cuidado para não mexer demais na equipe que já não contará com vários titulares para o jogo diante do Palmeiras. Principalmente se for no setor de meio-campo. O técnico sinalizou com a entrada de Norberto na meia, que aliás conhece a função, colocando Chiquinho Alagoano na direita. Sinceramente, essa não é a solução para a falta de criação, já que Chuiquinho Gaúcho não vem correspondendo. Por se tratar de um jogo importante, difícil e de grande visibilidade na mídia, Pintado deveria dar uma nova chance para Vinícius Pacheco na armação, como um meia avançado, e dar uma nova chance a Júnior Negão. O herói da vitória sobre o Figueirense não pode ser esquecido, nem ele e nem Thiago Adan. O jogo contra o Palmeiras é a partida que todos querem jogar e o América precisará de Norberto na ala, puxando os contra-ataques, de Vinícius na meia chegando como terceiro homem de ataque, ajudando Júnior Negão e Adriano Pardal. SEGUNDO TURNO Começa amanhã o segundo turno do Campeonato de Futebol Society da Polícia Federal. O clássico da Polícia Federal entre FSC x Aspofern abre a rodada, marcada para às 19h15, no campo da Aspofern, em Lagoa Nova. O segundo jogo será entre a equipe do Tribunal Regional do Trabalho (TRT) e o invicto time da Polícia Militar, que conquistou o título do primeiro turno. HOMEM DE PEDRA Max, o homem de pedra, pode voltar ao ataque do América. A direção do clube trabalha para que ele possa estar à disposição de Pintado no jogo contra o Palmeiras, seu ex-clube. Max foi pego no exame antidoping e punido com dois anos de suspensão. Como já cumpriu metade da pena e tem realizado testes periódicos de antidopagem, são grandes as chances de retorno aos gramados. COPA SUB-15 Neste domingo, o ex-atleta e técnico Sena comandará o time da Ponte Preta na partida contra o Guarani pela Copa Sub-15 da FNF. O jogo será no estádio Dixsept Rosado, às 8h30.

ITAQUERÃO Palco da abertura da Copa do Mundo de 2014, o Itaquerão terá de ser ligeiramente remodelado após o torneio de seleções para voltar às mãos do Corinthians. A readaptação deve custar cerca de R$ 20 milhões aos cofres do clube.

ou antes do início da clínica dia 27, às 14h, no Neves. O valor da inscrição é de R$ 30,00. A IIIª Fase do Campeonato Estadual de Nado Sincronizado previsto para o dia 28 de setembro, foi adiada e transferida para o dia 5 de outubro pela manhã na piscina do Aeroclube do RN.

PisandonaBola AMÂNCIO

fabiopachecorn@gmail.com

CHEGA DE INVENÇÃO

ecutada, até porque várias alterações foram feitas nas regras, após o campeonato mundial realizado em Barcelona, e todas as pessoas envolvidas com o esporte terão que se atualizar. As inscrições poderão ser feitas na sede da FAN, no Aeroclube, das 15h30 às 19h30 horas,

TIMBÓ X ERICK Não tive tempo de assistir o treino do ABC, mas as informações que chegam de Ponta Negra é que Júnior Timbó colocou uma pulga atrás da orelha de Roberto Fernandes. Se for isso mesmo, Erick Flores dificilmente voltará ao time.

FASE RUIM Na tarde de ontem, em jogo válido pela Copa do Brasil Sub-20, o América perdeu para o Bahia no tempo normal por 3 a 1. Como no jogo de ida no Nazarenão o resultado foi o mesmo, 3 a 1 para o Mecão, a vaga foi decidida nos pênaltis. Na disputa, o Mecão desperdiçou duas penalidades, e acabou sendo derrotado por 4 a 1 e eliminado da competição. Na Copa Carpina, o time perdeu para o Náutico por 1 a 0 e também saiu da competição. ITAQUERÃO Palco da abertura da Copa do Mundo de 2014, o Itaquerão terá de ser ligeiramente remodelado após o torneio de seleções para voltar às mãos do Corinthians. A readaptação deve custar cerca de R$ 20 milhões aos cofres do clube. TIMBÓ X ERICK Não tive tempo de assistir o treino do ABC, mas as informações que chegam de Ponta Negra é que Júnior Timbó colocou uma pulga atrás da orelha de Roberto Fernandes. Se for isso mesmo, Erick Flores dificilmente voltará ao time. INGRESSO GRATUITO O Atlético-GO sabe que a luta contra o rebaixamento será difícil até a última rodada, por isso, a diretoria decidiu por uma ação ousada. Os torcedores que forem ao Estádio Serra Dourada, nos próximos sete jogos que o time fará em casa, não pagarão ingressos. Isto mesmo, a entrada será franca. Que sirva de exemplo para ABC e América, pois precisam saber distinguir qual o prejuízo maior: perder na renda ou jogar a Série C de 2014?

amancionatal@gmail.com / www.chargistaamancio.blogspot.com


16 O Jornal de HOJE

Esporte

Natal, 26 de setembro de 2013

Quinta-feira

Fotos: DIvulgação

Passe Livre RUBENS LEMOS FILHO - r.lemosfilho@uol.com.br Divulgação

Cruzeiro por eliminação

Duelo contra os chilenos será às 21h50, no estádio Morumbi

Tricolor começa defesa do título da Sul-Americana ATUAL

CAMPEÃO,

O técnico Muricy Ramalho convocou 19 atletas para a estreia do Tricolor na Copa Sul-Americana de 2013. Atual campeão do torneio continental, o São Paulo enfrentará a Universidad CatólicaCHI nesta quinta-feira (26), às 21h50, no Morumbi. Para o con-

S ÃO PAULO

RECEBE A

fronto contra os chilenos, válido pelas oitavas de final, o treinador terá três desfalques. O volante Denilson, que sofreu uma contratura no músculo posterior da coxa esquerda na partida contra o Goiás, o lateral-esquerdo Carleto (ruptura dos ligamentos do joelho) e o argentino Clemente Rodríguez (suspenso) são as baixas do time. Apenas o volante Rodrigo Caio, titular nas 23 partidas da equipe são-paulina no Campeonato Brasileiro deste ano, será poupado por Muricy Ramalho.

U NIVERSIDAD C ATÓLICA

O meio-campista Maicon está de volta e à disposição do comandante tricolor. No duelo contra o Goiás, no último final de semana, o camisa 18 cumpriu suspensão automática e não pôde reforçar o São Paulo. Vale lembrar que ao contrário do que é permitido no Brasileiro, quando até 12 jogadores podem ficar no banco, somente sete poderão compor o banco. A Universidad Católica é velha conhecida da equipe sãopaulina. Em 2012, na campanha vitoriosa do São Paulo na Copa

Sul-Americana, os chilenos estiveram frente a frente com os brasileiros na semifinal. O meia Jadson, que esteve presente nos dois confrontos, prevê duelos parelhos. "Ano passado, nossa equipe fez um bom jogo fora de casa, conseguimos fazer apenas um gol e saímos de lá com um empate. Não foi um mau resultado. Depois, no Morumbi, foi mais difícil. Eles já conheciam os nossos jogadores e isso acabou deixando o jogo mais truncado e o de hoje também será um jogo", avaliou.

Inter e Furacão iniciam disputa na Copa do Brasil O Internacional volta a contar com o meia Jorge Henrique e o atacante uruguaio Diego Forlán, recuperados de contusões, para enfrentar o Atlético Paranaense nesta quinta-feira, às 21 horas, no

estádio do Vale, em Novo Hamburgo (RS), pela rodada de ida das quartas de final da Copa do Brasil. Eles entram nas posições que vinham sendo ocupadas por Alex e pelo argentino Scocco, res-

pectivamente. O técnico Dunga também vai substituir o lateral-esquerdo Fabrício pelo experiente Kleber e o volante Airton por Willians. Com a nova formação, espera que o time

tenha a vibração e competitividade que faltaram nas duas últimas partidas pelo Campeonato Brasileiro, quando perdeu para o Bahia (em Salvador) e a Portuguesa (em Novo Hamburgo).

> CONVOCAÇÃO

Felipão convoca Victor, Dedé e Lucas Leiva para amistosos da seleção O técnico da Seleção Brasileira, Felipe Scolari, divulgou hoje a relação dos jogadores que vão enfrentar a Coreia do Sul (dia 12 de outubro, em Seul) e Zâmbia (dia 15 de outubro, em Pequim). Entre as novidades estão os retornos do goleiro Victor (Atlético-MG), do zagueiro Dedé (Cruzeiro) e o volante Lucas Leiva (Liverpool), que foi convocado pelo primeira vez na era Felipão. Felipão não pode chamar três jogadores tidos pelo técnico como nomes certos na Copa do Mundo de

2014: Júlio César, Thiago Silva e Fred, ambos lesionados. Na entrevista coletiva, o técnico disse que a prioridade é a base. "Tenho que priorizar nosso estilo e nossa base para mantermos o que conseguimos na Copa das Confederações", revelou. Sobre as convocações de Victor, Dedé e Lucas Leiva, o técnico explico: "Dedé já esteve conosco. Victor é uma novidade, foi da seleção anterior, mas ainda não trabalhamos juntos. E Lucas Leiva vamos observar. Ainda não fechamos o grupo".

CONVOCADOS Goleiros: Jefferson (Botafogo), Victor (Atlético-MG), Diego Cavalieri (Fluminense). Zagueiros: Dedé (Cruzeiro), Henrique (Palmeiras), David Luiz (Chelsea-ING) e Dante (Bayern de Munique-ALE). Laterais: Daniel Alves (Barcelona-ESP), Marcelo (Real Madrid-ESP), Maicon (Roma-ITA) e Maxwell (Paris Saint-Germain-FRA). Meias: Luiz Gustavo (Wolfsburg-ALE), Lucas Leiva (Liverpool-ING), Hernanes (Lazio-ITA), Bernard (Shakhtar Donetsk-UCR), Ramires (ChelseaING), Paulinho (Tottenham-ING) e Oscar (Chelsea-ING) Atacantes: Hulk (Zenit-RUS), Lucas (PSG-FRA), Neymar (Barcelona-ESP) e Jô (Atlético-MG)

O Cruzeiro está para ganhar o Brasileirão mais fácil dos últimos dez anos. Em 2003, foi o time estrelado quem venceu sem sustos a primeira disputa por pontos corridos, liderado pela suavidade hipnótica da canhota de Alex, autor de gols que orgulham as balizas do Estádio Mineirão, derrubado e refeito sem o feitiço tropeiro do jogo saboroso de torresmo. O Cruzeiro disparou na liderança do campeonato com oito pontos de vantagem sobre o segundo colocado, o Botafogo. É tenebrosa a queda do Botafogo de Seedorf. O holandês em fase australiana empurra o time para baixo. O Botafogo perdeu o tesão para acompanhar o Cruzeiro e no confronto direto, tomou 3x0 sem que houvesse um baile nem um craque a decidir como nos duelos de Dirceu Lopes e Tostão contra Gerson e Jairzinho na década de 1960, duelos dourados dos dois timaços. >>>>>> Sem desrespeito, o Cruzeiro vai aproveitando suas oportunidades. Seu camisa 10 é Júlio Baptista, um bronco e talhado para lutador de UFC. É um gladiador usando vestimenta de artista, sem o mínimo de elegância. É um robô programado, disciplinado e eficiente para os olhos suplicantes do Brasil. Júlio Baptista é refugo de time de terceira categoria no futebol europeu. O negócio está tão fácil que Júlio Baptista anda concedendo entrevista se considerando apto para a seleção brasileira na Copa do Mundo de 2014. Já esteve no Mundial de 2010, convocado pela costela de todos os armários, Dunga. Por sortilégio, ficou na reserva. De um pior: Felipe Melo. Não surpreenderá. Júlio Baptista em duas Copas e Alex, o próprio do primeiro time do Cruzeiro, Djalminha, o mágico do Flamengo do Palmeiras e Geovani, o Pequeno Príncipe, do Vasco, sem nenhuma para contar aos netos. Os três, geniais armadores. >>>>>> Quem procurar um craque para chamar de símbolo da campanha vitoriosa do Cruzeiro não vai achar nem de lupa de Sherlock Holmes. Ele jamais será o volante Nilton, remanescente da primeira passagem do Vasco pela Série B (está a caminho da segunda queda), e o atacante Everton Ribeiro ousa lances de efeito. É dele um dos gols mais lindos do ano, de sem-pulo e na corrida, contra o Flamengo. O Cruzeiro deverá ganhar um campeonato sem a menor graça. Um campeonato que guarda nos veteranos a esperança de um lampejo plástico, artístico, desconcertante. A moçada é adepta do atletismo. Correria e obediência de caserna aos treinadores de prancheta e formação retranqueira e teórica. A ramificação dos Zagallos, Parreiras e Manos. O Cruzeiro, salvo reação de última hora, será o campeão por falta de adversário. O Botafogo está entregando os pontos e completando o fracasso elástico do futebol carioca. >>>>>> O Corinthians vive do Mundial do ano passado e o Atlético Mineiro deseja ganhar o de dezembro contra o Bayern de Munique, time que goleou duas vezes o Barcelona para chegar lá. O Santos está em ascensão, ludibriam os comentaristas de televisão, exceto os da ESPN Brasil, únicos a demonstrar imparcialidade e consciência crítica em suas análises. O Santos é o mesmo Santos que tomou doze gols em um ano e meio do Barça. Quatro na decisão do Mundial e oito na estreia de Neymar como soldado de Messi. Retrato do Padrão Brasil quando sai de suas fronteiras. >>>>>> O Cruzeiro a caminho do seu segundo campeonato é bem inferior a dois timaços azuis dos primórdios do Chacrinha e de Tarcísio Meira de galã de telenovela. Em 1974, vice-campeão por arrogância. Perdeu do Vasco. Um time com Dirceu Lopes, Palhinha, Joãozinho, Zé Carlos, Nelinho, Perfumo, Eduardo Amorim, Piazza que nunca foi esse cracão todo, era um ótimo destruidor, dormiu antecipadamente sobre as faixas e saiu do Maracanã protestando pela derrota para um Vasco que tinha Moisés de zagueiro, Alfinete de lateral-esquerdo, Ademir na meia e Jorginho Carvoeiro, autor do gol do título, de ponta-direita. O Cruzeiro de 1975 perdeu por ter enfrentado uma máquina. O Internacional de Porto Alegre. Perdeu por 1x0 no Beira-Rio uma batalha sem prognósticos. Poderia ter sido um ou outro. O goleiro Manga, do Inter, defendeu bombas estrondosas de Nelinho. Chutes venenosos de Palhinha, de Eduardo. O excepcional chileno Figueroa, Dom Elias, fez um gol de cabeça, exatamente onde um raio de sol iluminava a grande área. Impossível ganhar de um time reforçado pelo céu.

LAMPIÃO SE SAFOU

O cangaceiro Virgulino Ferreira, o Lampião, começou a perder pontos no quesito valentia em Mossoró que afugentou seu bando deixando Colchete morto e Jararaca baleado para morrer depois. A cidade resistiu de armas na mão e o bandido romantizado por um monte de fã não teve peito para enfrentar o fogo vindo do alto de prédios e igrejas.

FUGIR DE VOLANTES

Lampião passou a vida combatendo e enfrentando volantes, tropas que misturavam forças policiais e milícias formadas por pistoleiros. Sempre se deu bem até 1938, onze anos depois da sova de Mossoró, quando foi morto no Sertão de Angicos, em Sergipe, pela equipe do tenente João Bezerra e suas metralhadoras portáteis.

LAMPIÃO EM CAMPO

Técnico manteve a base da seleção brasileira

Lampião no futebol de hoje sofreria se jogasse contra ABC ou América. Cada qual tem praticamente um time inteiro de volantes, toda semana chega mais um para proteger a defesa e distribuir pancadaria. O gramado virou cangaço e Virgulino começaria morrendo pelos joelhos e canelas.

CONTO DAS ARÁBIAS

A venda do meia Rodriguinho, ex-ABC, pelo América Mineiro depende de visto de trabalho ainda não concedido pelo Qatar, país que abriga o El Jaish, comprador do seu passe.

PRAZO

O prazo para transferências termina terça-feira e Rodriguinho seguia treinando em Belo Horizonte até ontem esperando a ordem para embarcar. Seria péssimo um Conto das Arábias para o jovem canguleiro.

FECHADINHO

A vitória do Paysandu sobre a Chapecoense empurrou o América mais para perto da Zona de Rebaixamento. É tentar segurar o Palmeiras em São Paulo e torcer por resultados negativos do ASA de Arapiraca e do Atlético de Goiás para evitar o Z-4.

COM ROBERTO

Absolvido no STJD, o técnico Roberto Fernandes comanda o ABC no seu lugar, na beira do gramado no sábado contra o Boa Esporte. Se bem que Fernandes conseguiu sintonia com a torcida e já comandou a equipe grudado ao alambrado.


Cultura

Quinta-feira

Natal, 26 de setembro de 2013

O Jornal de HOJE 17

Fotos: Mika Euflausino

“PELA LUZ DOS

OLHOS TEUS” No próximo sábado (28), a cantora potiguar Andiara Freitas fará o primeiro show da temporada “Pela luz dos olhos teus”, que homenageia o artista carioca Vinicius de Moraes, famoso por ter se casado nove vezes e pelas parcerias musicais que fez com Tom Jobim, Toquinho, Baden Powell, Chico Buarque e Carlos Lyra. Vinicius também foi diplomata, dramaturgo e jornalista e viveu até 9 de julho de 1980. O tema da temporada de Andiara, “Pela luz dos olhos teus”, é o título de uma das músicas mais ouvidas na atualidade, composta por Vinicius em parceria com um de seus principais parceiros e amigos, o compositor Tom Jobim. O primeiro show da temporada da cantora será no próximo sábado (28), às 15h, no Ateliê Bar (Av. Duque de Caxias, 182, Ribeira) e integra o projeto Feijoada do Debinha. Entrevistada pelo O Jornal de Hoje, Andiara Freitas dá mais detalhes sobre o projeto e fala sobre sua paixão pelo “poetinha”:

O Jornal de Hoje - Quando e como surgiu a ideia do projeto “Pela luz dos olhos teus”? Andiara Freitas - O projeto surgiu no início do ano, quando estava renovando meu repertório e resolvi investigar sobre a vida dos compositores que cantava. Meus olhos brilharam ao ver que 2013 seria o ano do centenário de Vinicius. Não pensei duas vezes! O Jornal de Hoje - Como é sua relação com a obra de Vinicius de Moraes? Andiara Freitas - Minha relação com a obra de Vinicius é especialmente com a parte musical nos gêneros de samba e bossa nova. Ele foi um artista muito diverso. Escreveu poemas, peças, atuou com cinema, jornal, revista... Isso tudo eu já sabia. Só não sabia que ele era mesmo “o branco mais preto do Brasil”. Ele escreveu muitos sambas! Fique muito surpresa e impressionada.

O Jornal de Hoje - Quais suas obras preferidas do Poetinha e por quê? Andiara Freitas - Gosto muito dos sambas "Cartão de visita", "Pra que chorar" e "Só danço samba". "Cartão de visita", porque ele se autodeclara um canalha. Acho engraçado! "Pra que chorar", porque ele compôs isso vendo sua vizinha chorar pelo marido que faleceu. E a música é super alegre. Acho isso genial. Faz sorrir, ao invés de chorar. E "Só danço samba", porque combina com a minha atual fase musical. O Jornal de Hoje - O que você preparou para o show e quem faz parte dele? Andiara Freitas - Para esta temporada, eu separei as bossas e os sambas mais populares de Vinicius e também dos parceiros que trabalharam com ele, que foram muitos. Reservei algumas músicas de outros gêneros para fazer versões em bossa e samba e tam-

bém algumas músicas que já canto tradicionalmente em meus shows, como as interpretadas por Roberta Sá, Maria Rita, Martinália, etc. A direção musical do show é de Carlinhos Moreno, que estará no violão no show de estreia. Participará também o baterista Silvio Franco e o trombonista Pedrinho. Essa formação pode reduzir ou aumentar. Dependerá dos espaços em que formos nos apresentar. O Jornal de Hoje - Quando e onde serão as apresentações? Andiara Freitas - Até o momento temos datas no Ateliê Bar (dias 28/09 e 26/10) e também no Maria Bonita (em São Miguel do Gostoso, no dia 26/10) Quem gosta de samba, bossa e de Vinicius de Moraes vai gostar do resultado de nossa homenagem. O show terá aproximadamente 2h30 de duração, aproximadamente 60 músicas (sendo 1/3 delas do Vinicius), além de dois poemas.

“Para esta temporada, eu separei as bossas e os sambas mais populares de Vinicius e também dos parceiros que trabalharam com ele, que foram muitos. Reservei algumas músicas de outros gêneros para fazer versões em bossa e samba e também algumas músicas que já canto tradicionalmente em meus shows, como as interpretadas por Roberta Sá, Maria Rita, Martinália, etc.”

Cultura HOJE ANNE CAROLINE MEDEIROS - annemedeirosjh@gmail.com Diogo Marcel

JAZZ E BOSSA Nesta sexta-feira (27), o palco do Jobim recebe a cantora Bruna Hetzel acompanhada de Juliano Ferreira (Jow Jow) na guitarra, Daniel Ribeiro no baixo acústico e Rogério Pitomba na bateria para o show 'Influências do Jazz', a partir das 21h30. Já no sábado (28), o cantor Cacau Vasconcelos, junto com Fernando Suassuna (bateria), Nael (baixo) e Juliano Ferreira (guitarra), homenageia um dos grandes nomes da música brasileira - o cantor e compositor Djavan. O Jobim Bossa & Jazz fica na rua Seridó, na Praça das Flores. Informações no (84) 3202 4200. SEXTA CULTURAL O cantor Messias Paraguai e a banda Cinzeiro de Motel serão as grandes atrações da Sexta Cultural, que será realizada nesta sexta-feira (27), a partir das 20h, na Associação de Moradores da Cidade Satélite (Amocisa), localizada na rua das Nogueiras, 7820, na terceira etapa da Cidade Satélite. Senhas à venda no local. Informações: 2226 1671 (Amocisa). KHRYSTAL Hoje (26), a partir das 21h, tem a última apresentação de Khrystal no projeto Poti Cultural, no Poti Restaurante (ao lado do Batalhão de Engenharia, em Nova Descoberta). A cantora potiguar estará acompanhada de Zé Hilton na sanfona e Ricardo Baya nos violões. No repertório, Gilberto Gil, Dominguinhos, Luiz Gonzaga, Sivuca, Jackson do Pandeiro, Alceu Valença, Caetano Veloso, Djavan, Maciel Melo, Geraldo Azevedo, Elino Julião e Geraldo Vandré, entre outros, além de músicas autorais do seu disco Dois Tempos que recebeu sete indicações ao prêmio Hangar.

CONFERÊNCIA O Governo do Estado, através da Secretaria Extraordinária de Cultura, realiza, nos dias 26 e 27, em Natal, a IV Conferência Estadual de Cultural. A abertura será realizada no Teatro Alberto Maranhão, às 18h30, no Salão Nobre, e logo após, os conferencistas assistirão ao concerto Mass of the Children, com a Orquestra Sinfônica do RN e o Coral Canto do Povo, que comemora 25 anos de atividades. O evento é aberto ao público. O tema geral da Conferência Estadual de Cultura será "Uma política de estado para a cultura: desafios do sistema municipal de cultura".

FLORIANO CAVALCANTI O engenheiro, escritor e membro efetivo do Instituto Histórico e Geográfico do Rio Grande do Norte, Marco Aurélio da Câmara Cavalcanti de Albuquerque, lança seu terceiro livro nesta sexta-feira (27), às 19h, na Livraria Saraiva – Midway, “Desembargador Floriano Cavalcanti de Albuquerque e sua brilhante trajetória de vida”. A obra biográfica conta - em 13 capítulos - a vida do Desembargador Floriano Cavalcanti, pai do autor, com uma abordagem histórica e jornalística que resgata fatos importantes da história do desembargador e do Rio Grande do Norte. AS FASES DE ASSIS Residente do Centro Terapêutico ProReviver por seis meses, o artista plástico Assis Marinho canalizou em telas o seu tratamento e desintoxicação. O resultado é a exposição “As Fases de Assis”, em cartaz na Galeria Conviv’Art – UFRN, de 26 de setembro a 9 de outubro. Nos quadros, Assis Marinho retrata cenas do cotidiano das pessoas simples do interior, com efeitos realistas, utilizando lápis, cera ou aquarela. Visitação de segunda a sexta, das 9h às 17h. Mais informações pelo telefone 3215 3240.


18 O Jornal de HOJE

Natal, 26 de setembro de 2013

Cultura

Canal 1

BATE-REBATE w Ainda não há nem mesmo um estudo comercial para o novo programa da Record, nas tardes de domingo... w ... Alguns setores já entendem que o mais recomendável é deixar a sua estreia para o ano que vem. w “Joia Rara”, com 22 pontos, marcou na terça-feira a sua melhor audiência. w A Record está se cercando de alguns cuidados para a final da “Fazenda” na noite de domingo... w ... E por alguns cuidados incluem-se também possíveis surpresas por parte da equipe do “Pânico”.

Para o SBT, como não há nenhuma outra alternativa, o novo “SBT Notícias”, lançado na segunda-feira, tem que dar certo de todo jeito. Por mais que se tente buscar, não há qualquer outra opção. E o pior é que, no segundo dia, a sua audiência já caiu um pouco em relação ao primeiro. Mesmo tendo uma história de nunca fazer maiores cerimônias na hora de mudar a sua programação - incluindo-se por aí as alterações mais absurdas, a situação que se apresenta é completamente diferente de todas as anteriores. Não sobrou mais nada para se inventar no horário, como produto de grade, se o jornal vier a sofrer tropeços no meio do caminho. Em vez de pensar em alguma mexida e incidir em uma nova aberração, todas as energias e atenções de agora devem se voltar para as eventuais ou pontuais correções do que já existe. E nada além disso. Como tentativa mais recente, cabe lembrar que “Carrossel”, em dois momentos, teve às vésperas uma estreia da reprise suspensa e a sua exibição interrompida duas ou três semanas depois do lançamento.

>> TV - TUDO w DESTINO DIFERENTE Mauro Beting conversou com o Fox Sports, mas está se anunciando no Esporte Interativo. Em outubro, ele já irá retomar o comando dos seus dois programas e ainda fará participações no “Caderno de Esportes”, do André Henning. Resta aguardar os próximos capítulos.

Globo/Renato Rocha Miranda

POR FLÁVIO RICCO - Colaboração: José Carlos Nery - flavioricco@gmail.com.br

Novo jornal deixou SBT sem opções

PALHACINHA Em “Amor à Vida”, Carlito (Anderson Di Rizzi) fica todo feliz com a chegada de sua “Palhacinha”, fruto do relacionamento com Valdirene – Tatá Werneck. A menina vai se chamar Merijeyne. Cena desta quinta-feira. w BAIXA NO CQC Um dos principais repórteres do “CQC”, Felipe Andreoli, vai deixar o programa - 2014 será a sua última temporada, mas não se sabe ainda em que momento, se no começo do ano ou um pouco mais adiante. Andreoli já comunicou sua decisão como também o desejo de trabalhar em novos projetos, de preferência, que tenha envolvimento com o esporte. Quer novos desafios. Entende que a sua missão no “CQC” já está cumprida. w QUIZ (1) Meses atrás, antes de deflagrar o seu processo de reestruturação, a direção da Bandeirantes passou um questionário, com diferentes perguntas, para os seus funcionários. Dentre as questões, havia coisas

como disponibilidade de avançar no expediente, exercer mais de uma função ou trabalhar, ao mesmo tempo, em outros veículos do grupo. w QUIZ - 2 Isso chamou principalmente a atenção dos contratados como PJs, pessoas jurídicas, fazendo crescer em todos a desconfiança de que alguma novidade estava a caminho. O correto sempre foi receber por cada trabalho diferente. Os resultados de auditoria da McKinsey, com todas as suas baixas e reflexos, que ainda se fazem sentir, acabaram explicando tudo. w MAIS ESSA Uma empresa do Alagoas, conhecida apenas por Usina e sem ne-

Áries 21/03 a 20/04 Pequena viagem - talvez de viagem - traz chance de espairecer, aprender e se informar mais. Contatos positivos, estimulantes, tanto com pessoas mais jovens quanto com temas interessantes. Mais distraído, evite atividades mecânicas.

Leão 22/07 a 22/08 Você conta com um anjo da guarda, e com ajudas importantes no momento mais necessário - saiba perceber este verdadeiro luxo e fazer bom uso dele. Discrição em assuntos familiares ajuda a resolver problemas emperrados. Brilho na vida social.

Sagitário 21/11 a 21/12 Relações evoluem bem em dia de fluência mental e expressiva. Mostre o que sabe a quem merece e precisa. Cuidado com um amigo ciumento - nada de contar detalhes de sua vida privada pra ele! De noite, a Lua em Câncer traz sensibilidade orgânica.

Touro 21/04 a 20/05 Vênus e Júpiter continuam reforçando seu dia com mais sorte e facilidades. Tudo flui bem! Relações boas com todos, possibilidade de acertar um negocio grande com um cliente. Proposta de sociedade pode surgir. No amor, intimidade e sonhos em comum.

Virgem 23/08 a 22/09 Marte e Vênus em ângulo tenso por alguns dias pede cuidado ao tocar as relações afetivas; tenha tato com seu amor. Palavras mal escolhidas com amigos podem criar confrontos inúteis. Assuntos de viagem preocupam, mas não force nada até 30/9.

Capricórnio 22/12 a 21/01 Toque o dia com animação e até o final da tarde terá resolvido sem dificuldade até os perrengues mais difíceis. Nas relações amorosas é que as coisas não andam fluindo bem. Evite enciumar pessoas: dê a mesma atenção a todos os seus queridos.

Gêmeos 21/05 a 20/06 Lua em seu signo pede insistência em se cuidar mais, e com o aspecto que ela forma com seu regente Mercúrio, até meio da tarde, expressão, comunicação e lógica estão em destaque. Cuidados médicos e tratamentos podem ser feitos com mais sucesso.

Libra 23/09 a 22/10 Coração e mente em compasso diferente causam tensão hoje - não tome atitudes serias por enquanto. Converse, reúna-se com o chefe e os colegas, mas escute mais agora pra decidir depois. Insatisfeito, você está questionando sua vida atual.

Aquário 21/01 a 19/02 Drible pedidos impossíveis do chefe compartilhando afazeres com a equipe. Fortalecendo o poder do grupo, escapará de ser alvo de alguém poderoso e inflexível. A partir da noite, Lua entra em Câncer, e arma aspecto sonhador com Netuno, ótimo pra inspirar!

Câncer 21/06 a 21/07 Você está inspirado e assim está atraindo pessoas que vibram na mesma frequência - ótimo para reunir quem tem interesses semelhantes num propósito maior. Avance o quanto puder em empreitadas culturais ou artísticas. Emotividade e romance.

Escorpião 23/10 a 21/11 Caminhos obstruídos hoje, e nem adianta apelar para seduções ou pressões - seria pior. Sol e Mercúrio em Libra liberam criatividade em atividades ar tísticas. Coloque pra fora seu lado criativo, e se sentirá muito melhor! Valorize seu tempo.

Peixes 20/02 a 20/03 Envolvimento intenso com assuntos domésticos e familiares, que necessitam de sua intervenção direta. O segredo será equilibrar direitinho diversos interesses conflitantes! A distração pode ser um fator complicador, tente se concentrar mais. Desacordo amoroso.

MOVIECOM 3 - Hora:14:50 / 17:00 / 19:10 MOVIECOM 6 - Hora:15:50 / 18:00 / 20:10

OS ESTAGIÁRIOS - (12 Anos) CINEMARK 4 - Hora:20:00 / 23:00 (Sáb)

O ATAQUE - (14 Anos) MOVIECOM 2 – Hora:16:20 / 21:15

ELYSIUM - (16 Anos) MOVIECOM 4 - Hora:14:45 / 17:05 / 19:25 / 21:45 CINEMARK 1 - Hora:13:40 / 16:10 / 18:40 / 21:10; Hora: 23:40(Sáb)

BOA SORTE MEU AMOR - (16 Anos) CINEMARK 4 - Hora:17:20 [será exibida SOMENTE Terça-feira (24/09) e Quinta-feira (26/09)]

DOSE DUPLA - (16 Anos) MOVIECOM 2 - Hora:14:05 / 19:00 CINEMARK 4 - Hora:17:20 [NÃO será exibida Terça-feira (24/09) e Quintafeira (26/09)]

CINE HOLLIÚDY - (12 Anos) MOVIECOM - Hora:16:10 / 18:20 / 20:30 CINEMARK 5 - Hora:12:50 / 17:10 / 19:20 (NÃO será exibida Quinta-feira)

RUSH - NO LIMITE DA EMOÇÃO (14 Anos) MOVIECOM 3 – Hora:21:20

AS BEM-ARMADAS - (14 Anos) MOVIECOM 7 - Hora:14:20 / 16:45 / 19:10 / 21:35 CINEMARK 3 - Hora:13:10 / 15:40 / 18:10 / 20:40; Hora: 23:20 (Sáb)

CINEMA

AVIÕES - (Livre)

w A Fox anunciou nesta semana um contrato de exclusividade no sistema pago, para transmitir o Bellator, evento de MMA, rival do UFC... w ... Vale lembrar que o evento também faz parte da programação do Esporte Interativo, que tem denominação de canal aberto... w ... Mas um canal aberto que é carregado por várias operadoras. E aí?... w ... Também não se descarta a possibilidade de alguém ter se antecipado em divulgar agora uma coisa que não podia... w ... Ou não podia ainda.

C´EST FINI Amanhã, 27 de setembro, a Record completa 60 anos e o programa “Câmera Record”, em edição especial, vai contar um pouco da sua história, desde a inauguração em 1953 até os dias atuais. Além de outras passagens, como o craque de bola descoberto por um motorista da emissora e o casal que se conheceu em cima do palco. Então é isso. Mas amanhã tem mais. Tchau!

HORÓSCOPO

INVOCAÇÃO DO MAL - (14 Anos) MOVIECOM 1 – Hora:16:00 / 18:30 / 21:00 CINEMARK 2 - Hora:13:30 / 16:00 / 18:30 / 21:00; Hora: 23:30 (Sáb)

Quinta-feira

JOBS - (12 Anos) CINEMARK 5 - Hora:00:20 (Sáb) CASA DA MÃE JOANA 2 - (14 Anos) CINEMARK 5 - Hora:15:00 (NÃO será exibida Quinta-feira) OBS: A programação pode ser alterada sem prévio aviso. Favor consultar o cinema para confirmar o filme do dia.

nhuma autorização para tal, está se apresentando como intermediária na venda de toda a rede do SBT, com o “preço inicial de 4,5 bilhões de reais”. Uma coisa absurda. O departamento jurídico da emissora já está tomando as necessárias providências. w PRÓXIMA MINISSÉRIE O diretor João Camargo e a empresa Academia de Filmes continuam trabalhando em ritmo forte na produção e escolha de elenco da minissérie “Milagres de Jesus Cristo”, em 18 episódios com histórias diferentes, que começa a ser gravada entre outubro e novembro. Em “A Mulher Encurvada”, o segundo deles, os protagonistas serão Roberta Gualda e Thierry Figueira.


Cidade

Quinta-feira

Natal, 26 de setembro de 2013

Heracles Dantas

Ivo Sales ainda não usa o aplicativo, mas diz que os passageiros cobram o serviço

Aplicativo facilita a vida de taxistas e usuários de táxis NO MERCADO HÁ UM ANO, 99TAXIS ESTÁ EM EXPANSÃO PARA CIDADES COMO NATAL Reprodução

EVERSON DE ANDRADE EVERSONSDEANDRADE@GMAIL.COM

Chamar um táxi está se tornando uma tarefa mais rápida e fácil com a ajuda da tecnologia. Os smartphones estão colocando diversos serviços nas mãos dos usuários. Com apenas poucos cliques, o passageiro pode solicitar um veículo sem nem gastar com a ligação para a central telefônica. Outro diferencial é que o tempo de espera é cada vez menor, pois o motorista pode estar passando na frente da casa do solicitante. Estes aplicativos funcionam ligando o cliente diretamente ao taxista. Com o uso do GPS do celular acontece o mapeamento dos taxistas mais próximos da casa do solicitante. Este recebe uma comunicação e responde se vai fazer a corrida ou não. No caso de dois motoristas responderem positivamente, o fator proximidade será usado como desempate. Um destes aplicativos é o 99taxis, que está no mercado desde agosto de 2012 e foi levado primeiramente para a cidade de São Paulo. No entanto, hoje ele já está implantado em 15 cidades do Brasil e Natal é uma delas. Desde o início de setembro deste ano, os taxistas de Natal já estão aderindo ao serviço. Segundo o proprietário da empresa, Paulo Veras, a adesão ao serviço tem sido bastante forte na capital potiguar. Segundo ele, já existem mais de 100 motoristas cadastrados em Natal, enquanto na capital paulista, levou três meses para se chegar a esse número. Segundo Paulo Veras, isso se deve ao

Com uso do GPS, aplicativo mapeia os taxistas próximos ao local da solicitação fato de muitas pessoas já estarem familiarizadas com o serviço, como também com o tráfego de pessoas pelo país, o que leva o nome do aplicativo para outras regiões. De acordo com o empresário, o perfil do usuário do serviço é aquela pessoa de classe A ou B e que usa táxi constantemente. O que atrai essas pessoas é a certeza de que o veículo chegará rápido. "Algumas vezes o carro chega antes do elevador", destaca. Ele revela que o novo

passo da divulgação será entre os passageiros, uma vez que nesta etapa os próprios taxistas fazem o trabalho. Vale salientar que o serviço é gratuito tanto para o motorista como também para o usuário. Para o taxista fazer o cadastro, ele deve enviar, até mesmo com fotografias, a documentação provando de que ele é licenciado pela Prefeitura. Ele também recebe um código por SMS, para poder confirmar o número do telefone. Isso

serve até para o cliente e o prestador terem um contato mais direto em caso de dúvida. Outro ponto positivo para o aplicativo diz respeito à segurança que ele traz, pois todos os motoristas são cadastrados e tem o número na empresa. "A parte mais movimentada da empresa é de achados e perdidos", diz destacando outra característica do 99taxis, na qual, caso o passageiro perca algo no veículo, ele pode ligar solicitando a entrega deste objeto. Para o Rio Grande do Norte, o aplicativo está disponível, por enquanto, apenas para a capital. Entretanto, ainda não sabem se será levado para outros municípios do RN. Em todo o país, o aplicativo deve chegar a todas as capitais até o final do ano. Os motoristas potiguares já estão familiarizados com este tipo de aplicativo. Washigton Luiz usa o EasyTaxi há pouco mais de dois meses e durante esse período tem notado o aumento no número de corridas, em média de cinco ou seis a mais por dia. Washington Luiz revela que o único problema encontrado no período que tem usado é o alto consumo da bateria do celular, mas isso não se deve ao aplicativo propriamente dito, e sim ao fato do GPS estar ligado constantemente. Ivo Sales, que atua em outro ponto do bairro, revelou que conhece o 99taxi. Entretanto, não tem interesse em usar, pois trabalha poucas horas por dia e acredita não ser útil para ele, embora costume escutar os passageiros cobrando o serviço.

> RELAÇÃO DE TRABALHO

Terceirização sem limites é combatida pelo MPT em audiência pública na CMN Como representante do Ministério Público do Trabalho no Rio Grande do Norte (MPT/RN) e Coordenador Nacional de Combate às Fraudes nas Relações de Trabalho (Conafret), o procurador regional do Trabalho José de Lima Ramos Pereira participou, esta semana, de uma audiência pública contrária à terceirização sem limites, prevista no texto do Projeto de Lei nº 4330/2004. O debate foi promovido pela Frente Parlamentar do Trabalho da Câmara de Vereadores de Natal, tendo sido presidida pelo vereador George Câmara. Para combater a aprovação do PL 4330/2004, o procurador informou aos presentes que a Conafret organizou um abaixo-assinado. Na oportunidade, o procurador alertou que, "dentre os trabalhadores que morrem em virtude de acidentes de trabalho, cerca de 80% são prestadores de serviços terceirizados", além disso, "o salário pago a tais trabalhadores ainda é, em média, cerca de um terço

menor que o salário pago aos empregados efetivos", destaca, de acordo com pesquisa do Dieese. Para ele, "se o PL 4330/2004 for aprovado, esses números alarmantes podem piorar ainda mais, pois a precarização do trabalho estará institucionalizada". O vereador George Câmara lembrou que atualmente as em-

quer atividade, mesmo aquelas que definem a razão de ser da empresa. "Enviaremos uma moção de repúdio para o Congresso Nacional para que esse Projeto de Lei seja rejeitado, atendendo aos anseios da sociedade", defendeu o vereador. O Coordenador Nacional da Conafret explicou que o MPT não

‘ ’ “Dentre os trabalhadores que morrem em virtude de acidentes de trabalho, cerca de 80% são prestadores de serviços terceirizados” JOSÉ DE LIMA RAMOS PEREIRA PROCURADOR REGIONAL DO TRABALHO

presas só podem terceirizar serviços que não estão relacionados à sua atividade fim, mas o PL 4330/04 pretende liberar, nos setores público e privado, a terceirização de mão de obra em qual-

é contra a terceirização em si, mas segundo ele, "há terceirização possível, legal e regular, porém somos contra qualquer tipo de terceirização que venha a reduzir ou a prejudicar os direitos trabalhistas,

ou seja, que possa precarizar as relações de trabalho," salientou o procurador. Ele elogiou a iniciativa da Câmara de Natal, afirmando que o exemplo deveria ser seguido em todo o país. Além do membro do MPT/RN, participaram do debate, com manifestações contrárias ao PL 4330/2004: a juíza do Trabalho Luíza Eugênia Pereira Arraes, representando a Associação dos Magistrados Trabalhistas da 21ª Região; o advogado Renato Rodrigues, pela Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), e o sindicalista Márcio Azevedo Dias, da Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil (CTB), e diversos representantes da sociedade potiguar. A audiência pública também contou com a presença dos vereadores Aquino Neto, Marcos Antônio e Adão Eridan, dentre outros integrantes dos diferentes setores da sociedade, representantes da Central Única dos Trabalhadores (CUT) e demais sindicatos.

O Jornal de HOJE 19


20 O Jornal de HOJE

Cidade

Natal, 26 de setembro de 2013

Quinta-feira

Érika Nesi erikamnesi@hotmail.com

Ah, quer saber...

Fotos: Divulgação

Dolce&Gabbana aliam-se à UNICEF Em pleno Darfur, no Sudão, um colaborador da UNICEF pergunta a um grupo de crianças qual mensagem que fosse passada para elas. Os meninos responderam: "Existe um campo (de refugiados) em Fata Borno. Nós estaremos lá. Por favor, não se esqueçam de nós."

Dupla que mistura música eletrônica com sertanejo volta a Natal nesta quinta

t t t

Boneca de pano criada pela dupla Domenico Dolce e Stefano Gabbana Comovidos com toda a situação, Domenico Dolce e Stefano Gabbana criaram uma boneca - a ser leiloada - cujo valor de venda será revertida a favor de um fundo monetário para ajudar a combater esta situação. De um tom branco angelical, faz lembrar uma tradicional boneca de pano, mas com o luxo que só a haute couture é capaz de lhe dar.

Aniversariante de ontem Cris Leite brinda com a amiga Roberta Ávila

Aniversariante do dia 25, Patricia Lisboa recebe vivas da amiga Themisinha Freitas Estudio473/Divulgação

t t t

t t t

O leilão...

Árbitro Internacional ministra curso de arbitragem em Natal

A dupla irá leiloá-la no dia 3 de dezembro, durante um evento exclusivo no Petit Palace,em Paris. O valor da sua venda será totalmente revertida para a ajudaras crianças.A boneca poderá ser admirada pelo público de 27 de Novembro a 2 Dezembro, no Petit Palace.

Estudio473/Divulgação

t t t

Diagonal e Rossi realizam entrega do Vila Verde Residencial

Glícia e Glauber Gentil

As incorporadoras Diagonal e Rossi preparam para a hoje, quinta-feira (26) a entrega do Vila Verde Residencial, localizado na BR-101, entrada da cidade. O evento será realizado a partir das 18h30, com realização da primeira assembleia de condomínio e, em seguida, as famílias, que receberão oficialmente seus imóveis, serão recepcionadas com coquetel e entrega de premiações.

Guilherme George Azevedo e Luiz Antonio Bob Flash/Divulgação

Ampliação do quadro de árbitros Para o Presidente da FNV, Igor Ribeiro Dantas, "o curso é muito importante para ampliar o quadro de árbitros da FNV, viabilizando esse importante apoio da FNV as diversas competições que são realizadas todos os anos no Estado", salienta

6º Passeio Ciclístico Cidade do Natal

t t t

Larissa Luana e Arturo Arruda Câmara

Renata Pristo e Helga Oliveira

Bob Flash/Divulgação

t t t

Trajeto... O passeio de 12 km segue do Praia Shopping pela Roberto Freire até a Salgado Filho e entra na Alexandrino de Alencar terminando na sede do IBAMA com sorteio de brindes e vídeo sobre as atividades do órgão no RN, além de um café da manhã para os participantes.

Rita Nascimento e Kaká Paiva

O passeio ciclístico comemora o Dia da Árvore, da Paz Mundial e o Dia Mundial Sem Carro e, segundo Haroldo Mota, presidente da ONG Baobá, "tem o objetivo de chamar atenção sobre a necessidade de termos vias expressas para bicicletas e o reflorestamento das ruas, avenidas e praças da cidade". Mais informações pelos fones (84)9927.6555/8845.4603 E-mail: baobacontato@gmail.com.

Eco Office completa três anos em Natal O empresário Gustavo Barros comemora o sucesso da ação de entrega de mudas de Ixoras, realizada no último sábado (21), que teve como intuito celebrar o Dia da Árvore. À frente da franquia Eco Office em Natal, o empresário tem reforçado a ideologia da marca que preza a sustentabilidade e preservação do meio ambiente. Um dos diferenciais da empresa é promover a reciclagem de cartuchos de tintas e toner, diminuindo o impacto do lixo ambiental. t t t

t t t

Necessidade de vias expressas para bicicletas

A Federação Norte-Riograndense de Voleibol (FNV), com apoio da Polícia Militar do RN, promoverá no período de 30 de setembro à 05 de outubro Curso de Formação de Árbitros de Voleibol. O curso será ministrado na Academia de Polícia Militar do RN, localizada na Av. Alexandrino de Alencar, 959 - Lagoa Seca, com carga horária de 30 horas, sendo das 19h às 22h na semana do evento, além de aulas práticas. t t t

t t t

A ONG Baobá com diversos apoios vai realizar no próximo domingo o 6º Passeio Ciclístico Cidade do Natal, com saída do Praia Shopping às 8h30 e a inscrição sendo feita no próprio local, mediante entrega de um quilo de alimentos não perecíveis, que vão ser entregues para as ações humanitárias da Casa do Bem.

Nesta quinta-feira (26) a balada volta a agitar a Pepper´s Hall com uma noite que promete. A casa traz mais uma vez para Natal a dupla mato-grossense estourada nas paradas do Brasil que mistura sucessos internacionais com sertanejo: Léo Verão e Daniel Freitas. A programação terá ainda os sucessos do paraíbano Luan Estilizado. Os ingressos serão vendidos na hora. Informações: (84) 3236-2886.

Thaisa Galvão e Alexandre Mulatinho

Sorteio de um Galaxy S4 Mini Este mês, a loja completa três anos e para comemorar com os clientes o empresário está sorteando um Galaxy S4 Mini. Para participar, basta adquirir produtos na loja e depositar carnê na urna. O sorteio acontece no dia 30 de Setembro na Eco Office. Até amanhã!


26092013