Page 1

Segunda-feira

Ano XVI w NATAL-RN,

20 DE JANEIRO DE 2014 w Nº 4.841

R$ 1,00 w jornaldehoje.com.br Canindé Soares

> SUCESSÃO ESTADUAL

Deputado denuncia ‘manipulação’ para isolar candidatura de Robinson JOSÉ DIAS REAFIRMA NOME DO PSD E RECLAMA DE “ATORES PODEROSOS” QUE TENTAM CONTROLAR OS BASTIDORES POLÍTICOS PARA “DAR GOLPE DE ÚLTIMA HORA COM ACORDÃO PARA O POVO ENGOLIR” POLÍTICA 3 Heracles Dantas

> A 2 DIAS DA INAUGURAÇÃO

Arena das Dunas ainda não recebeu liberação para uso

Obra está prometida para abril, assim como a inauguração do terminal aéreo

> SÃO GONÇALO

DER garante concluir os acessos ao aeroporto

CIDADE 5

> APESAR DA EQUIPE COMPLETA

Demanda no setor de ortopedia preocupa a direção do Walfredo O Hospital Walfredo Gurgel está recebendo todos os casos de ortopedia do Estado e a situação é considerada crítica. Após mais

ECONOMIA 7

> ESTADUAL

ABC pede “paciência” após mais um empate

um final de semana de acidentes no trânsito e atendendo pacientes de vários municípios, os corredores estão superlotados. CIDADE 8

ESPORTE 14 Wellington Rocha

ESCREVEM ARTIGOS NA EDIÇÃO DE HOJE Franklin Capistrano Francisco F. de Araújo Batista Ana Luíza Rabelo Spencer Alcimar de Almeida Silva Ailton Salviano Teônio Vieira

OPINIÃO - Página 2

Para verificar se o valor cobrado está correto, o Ipem iniciou nesta manhã a aferição dos taxímetros dos mais de mil veículos que circulam na capital. CIDADE 5

Marcos A. de Sá

Danilo Sá

Vicente Serejo

Daniela Freire TACIANA CHIQUETTI - INTERINA

Página 11

Página 7

w Sinduscon/RN e Receita Federal firmam convênio que facilita trabalho das empresas.

INDICADORES: Dólar comercial R$ 2,33 Dólar turismo Dólar/Real

R$ 2,41 R$ 2,33

Euro x real R$ 3,16 Poupança 0,50%/0,41% Taxa Selic 10,5%

w Semana de inauguração da Arena das Dunas é decisiva para o futuro político de Rosalba.

E-MAIL REDAÇÃO:

Página 13

Página 12

w Ato público deverá marcar a inauguração do Arena das Dunas, nesta quarta-feira.

jornalismo@jornaldehoje.com.br

ACESSE O SITE:

w Com os quadros familiares de hoje não há como fecundar uma modernidade política.

www.jornaldehoje.com.br

SIGA-NOS NO TWITTER:

@jornaldehoje

TOTAL DE PÁGINAS NESTA EDIÇÃO

16 CMYK


2 O Jornal de HOJE

Artigo

Artigo

FRANKLIN CAPISTRANO, vereador

Semeando a cultura da paz A Igreja de São Sebastião do Alecrim, nestes 65 anos de sua edificação, tem percorrido o caminho de ação missionaria iluminada pelos dons do Espirito Santo, movida pela catequese da graça, das bem-aventuranças; do pecado e do perdão; das virtudes humanas; das virtudes cristãs da fé; dos mandamentos da caridade, para uma catequese eclesial de "bens espirituais", na "comunhão dos santos" e, sobretudo, missionária. Seguidores de Cristo, no exemplo do martírio de seu patrono, o povo de Deus da igreja de São Sebastião, de ontem e de hoje, desde a antiga baixa da beleza até os confins da cidade, está a semear, como diz seu atual guia espiritual o padre Campos, com ardor missionário, ao longo do tempo, "as sementes da verdade e da vida" (Jo14, 6). Que esta obra missionária iniciada pelo incentivo dos padres da Sagrada Família, depositário da fé cristã pelo devocionário popular, possa sempre colher seus frutos com dignidade, na vivência da paz, dialogando com todos os segmentos sociais, servindo, glorificando e amando a Deus. Aqueles padres que lançaram a pedra fundamental para a construção desta igreja souberam interpretar com sabedoria o desejo da comunidade em ter um padroeiro de essência nitidamente popular, afim de que pudessem evangelizar com sabedoria e vida em a abundância desde as margens da cidade para além do alecrim. Portanto, desta nossa matriz de São Sebastião do Alecrim, ungida pelas mãos apostólicas de

Artigo

Dom Marcolino Dantas, ainda nos anos quarenta do século passado, mais do que sexagenária na ação do bem comum voltada para a evangelização do povo da igreja particular de Natal, seja elevado seus alicerces plantados solidamente pela fé do ideário popular, pela força sacramental e crença na mensagem libertadora do santo mártir guerreiro, quando de sua busca e do encontro definitivo com a expressão maior da sabedoria e salvação humana, pela essência divina do espirito santo: o Jesus Cristo sacramentado. Tendo o tempo por testemunha, as vozes, os louvores, os novenários, as legiões de Maria, os apostolados de orações, os grupos religiosos, os serviços paroquiais, as pastorais e campanhas da fraternidade, da doutrina social da igreja, do amor ao próximo, e face voltada para a pobreza como nos roga a oração do papa Francisco, abençoada seja, ó devotos desta Igreja, nesta sua ação missionária, pela caridade cristã, segundo o apóstolo Paulo. Tudo que do seu chão foi vivido, dividido e glorificado, e ainda brota e germinará, são testemunhos que nos diz que esta é uma Igreja de gloriosa caminhada, pelos cortejos e procissões vestindo de vermelho e branco toda uma cidade com "cheiro de alecrim", construída pelo exemplo puro da fé, com o olhar de espiritualidade voltado para a luz da estrela guia dos três Reis Magos, para honra e gloria de nosso Senhor Jesus Cristo. Que assim seja, por todo o sempre para uma cultura de paz!

FRANCISCO FABIO DE ARAUJO BATISTA, médico e diretor do SINMED/RN

Padrão Fifa x Padrão local Finalmente chegou o ano de 2014, ano da copa do mundo em nosso Brasil. Para um país que tem uma tradição futebolística como o nosso nada mais desejado e gratificante, um sonho que custou caro ao erário publico e que também como todo sonho, gera muita fantasia e controversas. Como vivo numa capital nordestina que sediará jogos, vou dirigir "um olhar" exatamente para nossa cidade do Natal. Sem sombras de dúvidas, uma bela cidade litorânea essa morada do sol, outrora um dos principais destinos do turista europeu que aqui costumavam deixar sua poderosa moeda diluída entre passeios, restaurantes, boates, etc. Creio que a mesma sensação de curiosidade misturada com indignação que sinto ante a majestosa construção da "Arena das Dunas", sintam as pessoas que vivem, por exemplo, em Manaus (ao se depararem com o estádio de lá) apesar de fica tão distante daqui. Pois cada fez que paro para comparar a situação do Brasil como sede da copa do mundo e, por exemplo, a do Japão (bastante judiado por terremotos e problemas com suas usinas) que sediará a próxima, concluo: que contrassenso, que dificuldade para um país como o nosso pegar todo "o lixo do descaso e da corrupção e esconder debaixo do tapete" e sobre esse mesmo tapete ( à camuflar o antigo )pôr um outro, vermelho e cheio de pompas, para ser o anfitrião de tão importante evento mundial. Estou bastante esperançoso que esse "choque" cultural ou aculturamento que sofreremos com esse advento, mudem os nossos hábitos e as nossas condutas, principalmente dos nossos gestores e políticos. Triste mesmo é se pensar nas condições que se nos são oferecidas quanto o assunto é saúde e segurança publica; imagine um visitante sair d'uma mega estrutura

como o estádio recém-construído e adentrar o Walfredo Gurgel com as já tão conhecidas macas espalhadas pelos corredores infestados pelo forte cheiro de secreções humanas, mas, isso não pode acontecer? Infelizmente pode, pois haverá primeiros socorros na área própria do estádio, mas situações adversas e urgentes podem ocorrer que se faça necessário uma intervenção que comporte várias especialidades médicas; outra situação bastante chata é se repetir o que sempre vemos nos nossos jornais locais diariamente, turistas muitas vezes na primeira visita à nossa cidade serem atacados por ladrões e sofrerem até lesão corporal, mas isso não acontecerá o efetivo será reforçado(assim esperamos ) mas, tudo é possível numa cidade que diferentemente da maioria das cidades europeias onde você vira a noite andando à pé, não é mais confiável caminhar duas quadras para se comprar algo, já que o risco de assalto é eminente; e não esqueçamos que a nossa carga tributaria se compara à países como o Canadá, só que lá se vê onde o dinheiro está sendo aplicado. Em contra partida (motivada pelo "fator copa do mundo"), a buraqueira das ruas estar sendo tapada, a manta viária estar sendo incrementada, trens novos chegarão; enfim melhoramentos(pelo menos isso) à vista. Mas volto a argumentar, questões pétreas relativas ao ser humano como assistência à saúde e segurança para o cidadão poder ir e vir, parece que não sofrerão o impacto tão esperado (e que certamente seria um diferencial importante pro resto de nossas vidas ) desse veloz e elegante "trem bala" que indiferentemente passará (tal qual outrora o "Orient Express" cortava célere, áreas pobre da Ásia em seu trajeto entre Paris e Istambul), mas que aqui receberá o nome de "copa do mundo".

O JORNAL DE HOJE recebe colaboração pelo correio (Rua Dr. José Gonçalves, 687 - Lagoa Nova - Natal-RN, CEP 59056-570), por fax (0xx84 3221-5058) e por e-mail: artigos@jornaldehoje.com.br. Pede-se que os textos sejam concisos e contenham nome completo, RG, CPF, endereço e telefone. O JORNAL DE HOJE se reserva o direito de selecionar e publicar trechos.

NOTÍCIAS QUE OS OUTROS PUBLICARÃO AMANHÃ

OJORNALD EHOJE DIRETOR-EDITOR Marcos Aurélio de Sá DIRETOR ADMINISTRATIVO Marcelo Sá DIRETORA DE REDAÇÃO Sylvia Sá

Opinião

Natal, 20 de janeiro de 2014

EDITORES Danilo Sá Juliana Manzano EDITOR DE POLÍTICA Túlio Lemos EDITOR DE ESPORTES

Segunda-feira

Artigo

ANA LUÍZA RABELO SPENCER, advogada - (rabelospencer@ymail.com)

Corrompi ou fui corrompido? Todos os dias, toda semana, todos os anos, ouve-se falar em corrupção por parte dos políticos deste país. Sem o intuito de querer defender a maioria deles, mas para terse uma opinião realista e verdadeira a respeito de alguma coisa, é preciso não generalizar. Nem tudo é farinha do mesmo saco. Há políticos corruptos e inescrupulosos, que literalmente roubam da boca de crianças, mas também há políticos engajados e interessados no bem-estar de seus eleitores e no crescimento de sua cidade, estado ou mesmo deste país. Os cidadãos têm por hábito comentar entre si que "o político" só aparece a cada quatro anos para aproveitar-se da necessidade e ingenuidade do eleitor e que após a diplomação desaparecem sem dizer, pelo menos, um obrigado. Acontece, porém, uma coisa que, além de não ser comentada, é brutalmente ignorada por todos os brasileiros. A isto dou o nome de corrupção cidadã, na qual o pretenso eleitor "vende, troca, aluga ou empresta" seu voto para "quem der mais". É um verdadeiro leilão no qual todos perdem. O bom político perde votos e a cidade perde um administrador mais capaz. Apenas a corrupção bilateral vence. O mau ci-

Artigo

dadão literalmente joga fora o seu valor, seu voto, entregando-o a um mau político que, seguindo uma cadeia irregular e amoral, porém lógica, some e esquece as promessas feitas durante a campanha, visto que ele pagou pelos votos que obteve, portanto não existe mais o compromisso que havia sido firmado durante a campanha. Nesse contexto, não há como voltar atrás e exigir honestidade e fidelidade. Foi feita a compra, o pagamento foi efetuado e, em troca de pequenos favores pessoais, toda a população perde o respeito e por consequência o direito moral de exigência perante aquele que foi legalmente eleito para o bem comum. Não deve o "mau eleitor", aquele que se torna corrupto e age como os índios durante a colonização, trocando ouro (ou votos) por cacarecos (ou, modernamente falando, empregos, carteiras de identidade, motorista, reformas de casas, contas de água, luz, IPVAe demais bagatelas eleitoreiras), culpar o sumiço do mau político. Não é possível que se submeta à ingerência uma cidade, estado ou país, nem que seu povo sofra as consequências de uma corrupção geralmente denominada de "jeitinho brasileiro" ou "toma lá, dá cá".

Deve-se fazer uma limpeza no quadro político nacional, mas é de suma importância que sejamos nós, cidadãos e donos do poder de eleger e exigir, os primeiros a repensar e principalmente a mudar, pois, diante de uma mudança significativa por parte do eleitorado, os maus políticos entenderão que apenas através da verdade, da lealdade e do compromisso assumido e cumprido que o poder que lhes foi outrora outorgado o será novamente. Então mãos à obra para que saiamos da mentalidade de colonizados para uma visão real e perfeita do sentido literal da democracia. DE.MO.CRA.CI.A s.f. 1 Governo do povo, soberania popular. 2 Sistema de governo que se caracteriza pela liberdade do ato eleitoral, pela divisão dos poderes e pelo controle da autoridade. 3 Democracia popular: designação que a si mesmos se arrogam os Estados socialistas. CI.DA.DÃO s.m. 1 O que habita uma cidade. 2 Indivíduo no gozo dos direitos civis e políticos de um Estado. ? Pl. cidadãos. Fem. cidadã(s) e cidadoa(s). Se aprendermos e aplicarmos estes vocábulos no nosso cotidiano, já estaremos a um passo de conhecermos seus verdadeiros sentidos.

ALCIMAR DE ALMEIDA SILVA, - Advogado, Economista, Consultor Fiscal e Tributário

Tempo de iptu Como a maior parte dos Municípios faz sua cobrança logo no início no ano, não deixa de ser oportuno tecer algumas considerações quanto ao IPTU - Imposto Sobre a Propriedade Predial e Territorial Urbana, sendo o mais questionado no Brasil. Aqui chegado no ano de 1808 na bagagem de Dom João VI fugindo do bloqueio continental de Napoleão Bonaparte, foi implantado por alvará de junho daquele mesmo ano, sendo alojado pela Constituição Brasileira de 1891 na competência dos Estados, enquanto a de 1934 o transferiu para a competência dos Municípios como dois impostos, assim mantido pela Constituição de 1937, porém o predial ficando na competência municipal e o territorial na competência estadual. Com a Constituição de 1946, foi unificado e transferido para a competência municipal, o que foi continuado pelas Constituições seguintes. Seu fato gerador ou em, linguagem comum, o motivo que leva as pessoas a pagá-lo é a propriedade do imóvel por natureza (terreno) ou acessão física (construído), localizado na zona urbana. Daí porque é um engano imaginá-lo condicionado à execução de alguma obra ou serviço, além do que a palavra pro-

priedade inclui a posse e o domínio útil, significando, respectivamente, exercício de poderes de quem possui como se dono fosse e o direito de usufruir do imóvel da forma mais ampla possível, podendo inclusive transmiti-lo a terceiro, a título oneroso ou gratuito. A definição de zona urbana cabe a lei municipal, observada a existência de pelo menos dois dos seguinte melhoramentos, construídos ou mantidos pelo Poder Público: I meio-fio ou calçamento, com canalização de águas pluviais; II - abastecimento de água; III - sistema de esgotos sanitários; IV - rede de iluminação pública, com ou sem posteamento para distribuição domiciliar; V - escola primária ou posto de saúde a uma distância máxima de 3 quilômetros. Podem ser consideradas urbanas também áreas urbanizáveis ou de expansão urbana, de loteamentos aprovados pelos órgãos competentes, a tal ponto que áreas rurais podem ser transformadas em áreas urbanas por lei municipal. Embora tenha função predominantemente fiscal, para obtenção de recursos financeiros, modernamente adquiriu função também extrafiscal, pois a Constituição Federal faculta a cobrança de alíquotas progressivas

no tempo, até 15 por cento, no caso de terreno não edificado, subutilizado ou não utilizado, o que foi regulamentado pelo Estatuto da Cidade e deve integrar o Plano Diretor Municipal. Modernamente lhe foram atribuídos pela Emenda Constitucional nº 29/2000, princípios de progressividade e seletividade, no primeiro caso podendo haver aplicação de alíquotas crescentes em razão do valor do imóvel, sendo possível cobrar mais dos imóveis de maiores valores e menos dos imóveis de menores valores. O princípio da seletividade consiste na aplicação de alíquotas diferenciadas em função da localização e da utilização dos imóveis, de tal forma que os imóveis localizados nas diferentes regiões ou bairros da cidade podem ter alíquotas diferentes. A mesma diferenciação de alíquotas podendo ocorrer entre os diferentes usos ou utilizações dos imóveis, residenciais, comerciais, industriais, por exemplo. Poucos são os Municípios que até agora têm adotado os princípios da progressividade e da seletividade do imposto, o que seria de todo recomendável, inclusive porque possibilidade a justiça fiscal, assim como dar cumprimento ao princípio da capacidade contributiva prevista constitucionalmente.

Artigo AILTON SALVIANO, geólogo/jornalista

Maranhão - o lado admirável As últimas notícias advindas do Estado do Maranhão chocaram o Brasil e o mundo. São cenas deprimentes que demonstraram as condições sub-humanas em que se encontram suas penitenciárias. Reflexo do descaso das autoridades. Aliás, este não é um triste privilégio apenas daquele Estado. Apesar dos pesares, não é só por crimes que devemos lembrar do Maranhão. Vejam o artigo atemporal a seguir, escrito quando eu era estudante do Curso de Jornalismo na UFRN. Quando criança, costumava perguntar aos meus professores de Português: onde se fala mais corretamente no Brasil? Invariavelmente, a resposta era: No Estado do Maranhão! À época, não havia qualquer estudo ou pesquisa nesse sentido que pudesse fundamentar essa uníssona resposta. Seria um reflexo da incomparável capacidade que o Maranhão possui de produzir grandes escritores? Há alguns dias, em conversa com o meu guia espiritual Pai Ambrósio, maranhense de Curralinho, atual Coelho Neto, falei da minha admiração pela terra que produziu incontáveis vultos da nossa literatura. De cor, comecei a citar alguns nomes de escritores e eram tantos que resolvi aprofundar a minha pesquisa. Aliás, pesquisa sobre literatos é um tema não muito convidativo para a maioria das pessoas. Mesmo assim, valeu a pena! O século 19 foi prolífico para o Maranhão no que diz respeito ao surgimento de renomados escritores. No

crepúsculo daquela centúria (1897) quando se fundou a Academia Brasileira de Letras (ABL), havia no Estado Timbira mais de uma dezena de escritores de talento com uma profícua produção literária, além de outras expressões intelectuais locais, o que valeu à capital maranhense o cognome de "Atenas Brasileira". Naquela época, a influência de escritores maranhenses no cultivo da língua e literatura nacional era tamanha que cinco deles foram espontaneamente escolhidos para patronos por fundadores (não maranhenses) da ABL: Adelino Fontoura (cadeira 1, escolha de Luiz Murat-RJ), Gonçalves Dias (cadeira 15, escolha de Olavo Bilac-RJ), João Francisco Lisboa (cadeira 18, escolhido por José Veríssimo-PA), Joaquim Serra (cadeira 21, escolha de José do Patrocínio-RJ) e Teófilo Dias (cadeira 36, escolha de Afonso Celso-MG). Além desses patronos, são nascidos no Maranhão quatro fundadores da ABL: Coelho Neto (fundador da Cadeira 2), Aluísio Azevedo (fundador da Cadeira 4), Bernardo Correia (fundador da Cadeira 5) e Arthur Azevedo (fundador da Cadeira 29). Passaram também pela Academia os imortais maranhenses: Odylo Costa (Cadeira 15), Humberto de Campos (Cadeira 20), José Montello (Cadeira 29), Viriato Correia (Cadeira 32) e Graça Aranha (cadeira 38). O atual ocupante da cadeira 38 é o maranhense José Sarney. Alguns fatos marcantes asso-

ciados às letras envolveram nomes de autores maranhenses. São exemplos, os ludovicenses Francisco Sotero dos Reis, autor da primeira gramática da língua portuguesa no Brasil e Manoel Odorico Mendes, humanista, responsável pelas primeiras traduções integrais para o Português, das obras clássicas de Virgílio e Homero. Mesmo sem pertencerem à Academia, outros escritores maranhenses se destacaram: João Duarte Lisboa Serra ("Subindo pelo Volga", "No Cemitério dos Cristãos"), Trajano Galvão ("Três Liras", "Sertanejas"), Joaquim de Souza Andrade, conhecido por Sousândrade ("Harpas Selvagens", "Guesa Errante"), Maria Firmina dos Reis ("Úrsula", "Cantos a Beira Mara"), Antônio Henriques Leal ("Pantheon Maranhense", "História dos Jesuítas no Brasil"), Gomes de Souza, Almeida Braga, Franco de Sá, Marques Rodrigues, Dias Carneiro, César Marques, Belarmino de Matos e outros. A prodigalidade maranhense nas letras não tem apenas caráter quantitativo. A qualidade das produções literárias teve repercussão além fronteiras. Para alguns pesquisadores, "O Grupo Maranhense", expressão cunhada por José Veríssimo, crítico e historiador literário, fundador da ABL, produziu de forma assistemática sem grandes intenções; para outros, o grupo tinha consciência do papel da literatura e ensejou uma identidade literária e cultural nacional em pleno Brasil oitocentista.

TEÔNIO VIEIRA, colaborador e assinante (teonio.vieira@hotmailo.com)

"Saudade é o amor que fica" Senti falta de você, bateu a saudade! Estou consciente que você não está mais ao alcance dos meus contatos e a separação não me permite toca-lo, aproveitar a sua presença para esgotar o nosso tempo em conversas descontraídas e quase intermináveis, sobre os mais alteráveis assuntos, confidências, fatos que mereceram considerações e pontos de vistas, raramente discordantes, mas ajustados a uma confiança mútua e ponderados com sinceridade para o alcance de objetivos comuns, fazer prevalecer a lógica, a razão, o bom-senso e a verdade. A informalidade e as brincadeiras também fizeram parte do nosso espaço. Foram muitas: Lembreime do dia em que você estava aqui em casa, sentado no sofá, com pés descalços e eu perguntei: que numero que você calça? Na dúvida apanhei uma fita métrica e enquanto eu tirava a mediada os seus netos fizeram a maior onda; provocando gargalhadas. Também não foge da memória o dia em que você chegou cansado da viagem foi descansar, dormiu de mais e acordou atordoado, justificando a minha bem-humorada rima, (não sou poeta), mas valeu muito e nos divertimos bastante: O homem deitou para o corpo descansar e quando acordou ficou a pensar! Atordoado imaginou, é hora de levantar! Tomou o remédio e café, ficando a matutar... Esperou, esperou e nada do sol aparecer! Notando a confusão que estava acontecendo, o amigo acudiu e foi logo esclarecendo: quem de dia dorme mais da conta, nada consegue perceber, troca o dia pela noite e fica aguardando o sol nascer. O HOMEM de quem estou falando chama-se Sebastião, é meu amigo do peito, mas quase me mata do coração. Dia, 05 de agosto de 2010. Sebastião, mais do que sogro, era meu melhor amigo; um homem correto, simples, paciente, carismático, prudente, de fala mansa, de personalidade marcante, de decisões firmes e inalteráveis, abnegado a família e ao trabalho, reconhecido pela convivência impregnada de sentimentos próprios de quem sabe amar com devotamento, fazendo da vida uma prece. Foi sem dúvida um homem singular, ele nunca percebeu, mas era um líder e apesar da sua limitada escolaridade, eu sempre o considerei um sábio. Porque o sábio é íntegro, é honesto, é equilibrado, é transparente, é justo e faz da vida uma escola de bons exemplos. Enquanto que o culto pode optar por colocar o seu saber, a sua cultura a serviço do mal, o sábio não, ele está permanentemente a serviço do bem comum. Esta manifestação externa os meus sentimentos, as emoções de Maria Laura e Silva, na intimidade Dona Lica, sua esposa; da sua filha Maria Edna da Silva e dos seus netos Matheus e Lucas; da família Caetano e de todos que privaram do seu convívio. Adoentado, Sebastião mereceu a consideração e carinho da equipe do hospital de Cerro Corá/RN, onde recebeu pronto e competente acolhimento dos médicos: Dr. Tiago do Nascimento Barbosa e Dr. Francisco Fernandes de Macedo, assistidos pelos técnicos em enfermagem Heliceu Honorato e Roberto Sangyorge. Registro também o trabalho do atendente Raimundo Jerônimo. Enviado para o Hospital Dr. Luiz Antonio em Natal, por intermédio do médico Dr. Henrique Santos, meu estimado amigo, o paciente recebeu ótimo atendimento e o empenho dos médicos Dra. Anny Mellen Dantas, Dr. Claudio Dantas, auxiliados por uma equipe de enfermeiros que se esmerou na eficiência. Mesmo assim, Sebastião Caetano da Silva veio a falecer, domingo, dia 05 de Janeiro 2014, às 21h53min, sendo o corpo transladado e sepultado na sua cidade natal, onde os gestos de estima e cordialidade do povo Cerrocoraense para com o seu conterrâneo, foram emocionantes. Somos eternamente gratos a todos. "Saudade é o amor que fica".

w w w . j o r n a l d e h o j e . c o m . b r Fábio Pacheco EDITORA DE CULTURA Conrado Carlos EDITOR / JH Online Wagner Guerra GERENTE COMERCIAL Karina Mandel

ASSINATURA ANUAL Capital: R$ 210,00 Interior (via ônibus): R$ 250,00 Interior e outros Estados (via correios): valor da assinatura + o custo da postagem EXEMPLAR AVULSO R$ 1,00

ASSINATURA SEMESTRAL Capital: R$ 130,00 Interior (via ônibus): R$ 150,00 Interior e outros Estados (via correios): valor da assinatura + o custo da postagem EDIÇÃO ATRASADA R$ 4,00

O JORNAL DE HOJE se reserva o direito de não aceitar informes e material publicitário que infrijam as leis do país e a ética jornalistica. Informações, comentários e opiniões contidos em artigos assinados não possuem, necessariamente, o endosso da Direção. Só é permitida a reprodução de matérias com prévia autorização escrita e com a citação da fonte em destaque

REDAÇÃO E OFICINAS: Rua Dr. José Gonçalves, 687 - Lagoa Nova | Natal - RN - CEP 59056-570 |Brasil - Telefax: (84) 3211-0070 ramal 214 - Assinaturas: (84) 3221-5058 | jornalismo@jornaldehoje.com.br - www.jornaldehoje.com.br Editado e publicado por RN Gráfica e Editora Ltda. http://www.jornaldehoje.com.br - jornaldehoje@digi.com.br - jornaldehoje@uol.com.br - artigos@jornaldehoje.com.br - administracao@jornaldehoje.com.br - jornalismo@jornaldehoje.com.br - assinaturas@jornaldehoje.com.br - comercial@jornaldehoje.com.br


Política

Segunda-feira

Natal, 20 de janeiro de 2014

O Jornal de HOJE 3

Wellington Rocha

“Tentam manipular bastidores políticos para isolar Robinson” JOSÉ DIAS RESSALTA QUE MANIPULADORES BUSCAM “GOLPE DE ÚLTIMA HORA” José Aldenir

CIRO MARQUES REPÓRTER DE POLÍTICA

O ano de 2014 começou, mas pouco mudou com relação ao cenário político do ano passado. A indefinição ainda é clara e apenas Robinson Faria, do PSD, anunciou oficialmente a pré-candidatura ao Governo do Estado. O motivo disso, segundo o deputado estadual José Dias, correligionário de Robinson, é que algumas lideranças estariam tentando manipular os bastidores políticas para, quando chegar mais próximo a eleição se lançar candidato, jogando com o desconhecimento dos eleitores. "A situação das eleições ainda é confusa. Existem atores poderosos que manipulam os bastidores. Eles não querem aparecer para que possam dar um golpe de última hora e sair candidatos, vindo com esses acordões para o povo engolir. Isso já foi feito outras vezes", afirmou José Dias. "A prova disso é que existe uma candidatura, que é a de Robinson Faria, mas aquelas pessoas que colocam os cordõezinhos, que controlam as marionetes, tentam manipular os bastidores políticos para isolá-la", acrescentou o pessedista. José Dias não citou nomes na entrevista aO Jornal de Hoje. Contudo, que estaria atualmente agindo nos bastidores políticos em busca do "acordão" seria o presidente da Câmara Federal, Henrique Eduardo Alves, do PMDB. O líder peemedebista tenta formar alianças para

Divulgação

Robinson Faria é candidato e não conseguiu apoios e Fernando Bezerra não confirmou candidatura e já tem apoiadores viabilizar, segundo comenta-se, o nome do empresário Fernando Bezerra ao Governo. Contudo, há quem diga que Bezerra não passa de um pré-candidato de fachada e a intenção de Henrique é criar condições para que ele mesmo seja candidato. E o fato de não dizer, agora, que é candidato, seria uma maneira encontrada pelo presidente da Câmara Federal para evitar restrições ao nome dele. José Dias, inclusive, é um dos que compartilha dessa ideia de que as pré-candidaturas lançadas não passam de nomes "de fachada". "Os balões de ensaio lançados não sobre-

vivem nem a Reta Tabajara.Não tem aceitação, nem na sociedade, nem dos próprios candidatos", analisou o parlamentar, fazendo aí uma clara referência a situação de Fernando Bezerra que, mesmo tendo sido convidado oficialmente pelo PMDB para ser o candidato, não respondeu ainda, dizendo que está "avaliando o convite" - desde novembro, diga-se de passagem. Além de criticar o cenário político atual, pela indefinição, José Dias também defendeu o nome de Robinson Faria, totalmente viável eleitoralmente, segundo ele. "Dizem que Robinson Faria não tem densi-

dade política, mas como não tem? Essa afirmação é totalmente falsa. Nas pesquisas, se você tira os nomes de Wilma de Faria e de Garibaldi Filho (ex-governadores), Robinson está em primeiro lugar em todas", analisou. "O partido confia na candidatura de Robinson Faria. Não vamos deixar o povo sem opção se for feita a chapa do acórdão. O eleitor tem que ter opção", garantiu o deputado estadual, indo de encontro ao que afirmou o próprio Robinson Faria na semana passada, de que "se ficar isolado", poderá pensar em um "plano B" para 2014.

José Dias afirmou que Robinson tem “densidade política” para ser candidato GOVERNO É claro que uma entrevista com um membro do PSD, partido de oposição ao Governo do Estado, não podia ser feita sem, pelo menos, uma análise ao momento que vive a atual gestão da governadora Rosalba Ciar-

lini, do DEM. "O que caracteriza o atual governo é a forma arbitrária e ditatorial da gestão. Não tem dialogo interno, não tem diálogo com outros poderes, muito menos com a sociedade. É uma gestão atípica pela prepotência", disse José Dias.

> ELEIÇÕES 2014 Divulgação

Divulgação

Wellington Rocha

Fatíma é pré-candidata ao Senado Federal

Rui Falcão chega na sextafeira para reunião do PT

Eraldo Paiva ressalta veto a opositores de Dilma Rousseff

Executiva Nacional discutirá alianças do PT no RN Está difícil a situação local? Manda para a Executiva Nacional que ela resolve. É assim que funciona o Partido dos Trabalhadores (PT) no Rio Grande do Norte. Afinal, depois de decidir que foi o vencedor do processo de eleição direta (PED) do Diretório Estadual da sigla, a Executiva agora também vai definir qual o rumo do PT nas eleições de 2014. Se o partido vai para a disputa numa chapa “puro-sangue”, em aliança com o PSD do vice-governador Robinson Faria ou, ainda, “engolindo” a

provável parceria entre PMDB e PSB - o que é bem menos possível no atual momento. Isso porque, segundo o presidente estadual do PT, Eraldo Paiva, de fato, o partido já decidiu que não vai apoiar siglas que, no campo nacional, tenham candidaturas que representem oposição à reeleição da presidente Dilma Rousseff, do PT. E, no caso do PSB, a pré-candidatura à Presidência da República do governador de Pernambuco, Eduardo Campos, essa oposição está configurada.

“O PT não vai fortalecer palanque de nenhum adversário e esperamos que os partidos que compõem a base do Governo Dilma também não o faça”, deixou claro Eraldo Paiva em contato com O Jornal de Hoje. O “recado” seria destinado ao PMDB, que tem se aproximado da presidente do PSB estadual, Wilma de Faria. Porém, o fato dos peessebistas fazerem oposição a Dilma não é o único motivo desse afastamento do projeto do PT no RN. Isso porque se aproximando do PMDB, que

terá candidato próprio ao Governo do Estado, o PSB aceitaria lançar Wilma de Faria para o Senado. Consequentemente, bloquearia a candidatura da deputada federal petista, Fátima Bezerra, a senadora. E isso, além de ser uma meta do Diretório Estadual, é também um objetivo da Executiva Nacional da sigla - fazer o PT ter maioria no Senado. Por isso, a decisão também passará pela Executiva Nacional. “Na próxima sexta-feira, vamos ter uma reunião com o presidente nacional

do partido, Rui Falcão, no Hotel Monza, e vamos tratar do cenário para as eleições de 2014. A posição do PT será discutida junto com a Direção Nacional”, afirmou Eraldo Paiva. Nessas condições, as possibilidades do PT seriam lançar candidatura própria, colocando o nome de Fernando Mineiro, atual deputado estadual, para o Governo do Estado; e da deputada federal Fátima para o Senado. Porém, é bem possível, também, que seja firmado o acordo entre PT e PSD, fazen-

do apenas Fátima ser candidata na majoritária, uma vez que Robinson Faria já é pré-candidato ao Governo. Vale lembrar, inclusive, que o PSD nacional já teria tido reuniões para discutir possibilidades de alianças entre o partido com o PT em vários estados. Um desses lugares trabalhados foi, justamente, o Rio Grande do Norte. Sobre isso, porém, Eraldo Paiva disse não ter nenhuma informação. “Não recebi nenhuma notícia dessa articulação nacional”, garantiu.

ria o apoio dos demais partidos para o “nome” peemedebista e sim para o projeto. Pois é. Chegamos a janeiro, estamos quase em fevereiro, e nada de projeto político. Nada de plano de metas, nada de nome. Mesmo assim, PROS, PV, PR e PDT já anunciaram que “deverão” se aliar ao PMDB. PSDB também deve seguir o mesmo destino. O DEM também estaria no barco, assim como o PSB de Wilma de Faria (candidata ao Senado).

dos rejeitados. Os petistas vão lançar Fátima Bezerra para o Senado e o plano “casa” direitinho com o nome de Robinson Faria para o Governo. A estratégia de campanha? Ligar o nome dos possíveis adversários (PMDB, DEM, PSDB, PROS, PR e PV) ao Governo desastrado de Rosalba Ciarlini.

estados. Em troca, o partido presidido por Robinson Faria no RN confirmaria o apoio a reeleição da presidente Dilma.

Túlio Lemos Ciro Marques - INTERINO - cirowmarques@gmail.com

EM FAMÍLIA As declarações dadas por Agnelo Alves em entrevista neste final de semana dão espaço para uma situação nada confortável para aqueles que reclamam do rodízio de membros de uma mesma família no poder. Afinal, depois de Garibaldi Alves Filho por duas vezes no Governo do Estado, poderemos assistir a ascensão de Henrique Eduardo Alves ao cargo. EM FAMÍLIA II Henrique, “reunindo condições especiais para ser candidato”, se vencer, ficaria no cargo por quatro anos. E, então, sairia para apoiar outro potencial nome: Carlos Eduardo Alves. Reeleito em 2016, o pre-

feito teria cumprido o “sonho” e estaria livre para a disputa estadual, com a família unida novamente. EM FAMÍLIA III É claro que essa situação seria necessária o acertar, primeiros, com os russos. Ou melhor, os eleitores. Henrique, mesmo reunindo tais condições de divulgação necessárias para ser o principal nome para o Governo, tem a antipatia de boa parte do eleitorado. E, ao que parece, a situação piora toda vez que ele diz que é candidato, com a repercussão negativa das ações e envolvimentos dele. Para quem não lembra, basta ver como foi a campanha de Henrique à presidência da Câmara Federal. Contratos com empresas

fantasmas, favorecimento de licitação e por aí vai. CANDIDATO Por isso, inclusive, ganharia força o que diz o deputado José Dias, de que estão lançando “balões de ensaio”, como Fernando Bezerra, para que o próprio Henrique seja candidato em 2014. Lançando seu nome só em março, o presidente da Câmara sofria menos tempo com as potenciais matérias negativas e a repercussão que elas causariam. ACORDÃO... De qualquer forma, o que chama a atenção é a força de Henrique nos bastidores da política local. Afinal, o PMDB sempre disse que não que-

... E REJEITADOS Enquanto isso, com candidatos já apresentados e dizendo quais são os planos de governo, PT e PSD não conseguiram qualquer apoio e caminham para formar a aliança

RUI FALCÃO Essa possibilidade de aliança entre PT e PSD deverá ser apresentada e discutida na reunião com a Executiva Nacional petista. As cúpulas nacionais dos dois partidos se reuniram no ano passado para discutir a possível aliança. Ao PSD teria sido dada a garantia que o PT o apoiaria no RN e em outros

POVO Agora, minha dúvida é qual a participação do povo nessa discussão política. A maioria das pessoas que conheço não faz a menor idéia de quem serão os candidatos ao Governo do Estado. Tampouco, ao Senado. Definitivamente, eles não estão participando do processo eleitoral. Conversar e articular em Jacumã, ou seja lá em qual praia, é excluir o povo e apresentar ao eleitor, apenas, o projeto pronto e acabado para empurrar goela abaixo. Como sempre acontece.


4 O Jornal de HOJE

Política

Natal, 20 de janeiro de 2014

Walter Gomes DE BRASÍLIA - walgom@uol.com.br JOAQUIM PINHEIRO - jtpinheirojh@gmail.com - (INTERINO)

Convivência dos contrários A democracia, já afirmava o então deputado Márcio Marinho, é a convivência dos contrários. Supõe-se, entretanto, que nessa assertiva a convivência deva ser pacífica, harmoniosa, respeitosa e sem ataques pessoais no âmbito do parlamento. Os vereadores considerados de esquerda, Amanda Gurgel (PSTU), Marcos Antônio e Sandro Pimentel, ambos do PSOL, deram uma nova dinâmica ao Legislativo Municipal de Natal, reconheça-se, mas em determinados momentos extrapolam os limites de tolerância nas suas críticas. No episódio da antecipação do pleito da Mesa Diretora da Câmara Municipal os esquerdistas foram contundentes e até sectários. Agrediram não só colegas vereadores como o próprio Poder Legislativo, que é um dos fundamentos da democracia representativa. A jovem vereadora Amanda Gurgel, na sua imaturidade, mas fiel ao estilo do seu PSTU, usou adjetivos hostis como "ladroagem", "maracutaia" e "balcão de negócios", para caracterizar situações vivenciadas por aquela Casa. Disse que não existe Poder Legislativo em Natal porque os seus integrantes são submetidos a interesses pessoais de grupos e do Executivo. As declarações da vereadora do PSTU foram gravíssimas e por isso deverão ser objeto de denúncia na Comissão de Ética. Amanda Gurgel é uma professora eleita vereadora com uma votação expressiva que tem tudo para se projetar na política do Estado, mas precisa ser mais comedida na sua atuação parlamentar e em declarações desrespeitosas e até infringentes ao Regimento Interno da Casa. A presença da vereadora e dos demais considerados de esquerda é fator positivo que dinamizou os trabalhos na Câmara Municipal de Natal, entretanto é preciso que se adequem à convivência com os contrários sem que isso signifique abdicar dos seus valores e convicções. Pós-escrito: os trabalhos legislativos na Câmara Municipal de Natal serão iniciados no início do mês de fevereiro e a expectativa é que os vereadores trabalhem harmônica e respeitosamente em beneficio da população natalense. Heracles Dantas

Apoio à cultura

Proposta da deputada Sandra Rosado (foto), do PSB, amplia a emissão de títulos da dívida pública interna para utilização dos seus recursos em projetos voltados para atividades culturais. A proposta da deputada mossoroense foi aprovada na Comissão de Cultura e segue agora para as Comissões de Finanças e Tributação e de Constituição, Justiça e Cidadania.

SEGUNDO DEPUTADO, NENHUM CANDIDATO TEVE ANTES O QUE HENRIQUE TEM HOJE PDT e PMDB deverão estar juntos nas próximas eleições estaduais, com os peemedebistas com o direito de escolher o nome do partido ao Governo do Estado. Pelo menos, foi isso que o deputado estadual Agnelo Alves, uma das lideranças pedetistas no RN, reafirmou neste final de semana. O problema é que, até agora, o partido de Henrique Eduardo Alves e Garibaldi Alves Filho ainda não definiram os nomes da sigla na disputa. E mais, se depender de Agnelo, o candidato não será o empresário Fernando Bezerra, como vem sendo especulado. Para o parlamentar estadual, o melhor seria o próprio Henrique. "Henrique é hoje na política do Rio Grande do Norte quem detém um somatório de condições que são indispensáveis para um bom candidato e, sobretudo, para um bom governador", afirmou Agnelo Alves, que é tio de Henrique, em entrevista ao Portal Noar. "Das condições que Henrique tem hoje, nenhum político do RN teve antes. Nem o pai dele", acrescentou, se referindo ao pai de Henrique, irmão de Agnelo, Aluizio Alves, que foi governador do Estado. Henrique Alves é o atual presidente da Câmara Federal, em Brasília, e no ano que passou chegou a assumir a presidência da República algumas vezes, durantes viagens da presidente Dilma Rousseff. E essa posição de destaque nacional, conseguindo (ou dizendo estar conseguindo) obras e projetos federais para o RN, seriam as tais condições ditas por Agnelo. Contudo, Henrique tem afirmado não ser candidato ao Governo. O projeto dele seria a reeleição para a Câmara Federal com o ob-

José Aldenir

Heracles Dantas

Henrique seria o melhor nome para disputar o Governo e ser governador do Estado, segundo o tio dele, o deputado Agnelo Alves jetivo de ser, novamente, presidente da Casa. "Para mim, Henrique é um candidato que tem as melhores condições para tal. Mas se por qualquer razão ele não quiser, porque é só ele dizer que todo o PMDB vai atrás, que se proponha outro nome", acrescentou o deputado do PDT. E se Henrique não quer ser, o nome então seria quem? "Não sei", respondeu Agnelo. "O cenário está indefinido como nunca vi", afirmou ele. "Garibaldi diz que não quer nem ouvir falar. Tem me dito e tem dito de publico, inclusive. E eu dou razão a ele", ressaltou, acrescentando que "Fernando Bezerra está aí se credenciando para tal, então ele mostre todas as características". Sendo assim, inclusive, Agnelo fez questão de explicar que o apoio que ele disse que o PDT daria

ao PMDB não está, necessariamente, fechado. "Eu disse que o PDT deveria ou deverá apoiar. Se vai apoiar ou não, é uma decisão que ainda vai aparecer", explicou, acrescentando que o projeto peemedebista não poderá ser longo e precisa ser acreditado pela população, pelos eleitores e pelos demais poderes. "E mais: para quatro anos. Não pensar em reeleição. Inclui aí esse detalhe, que é muito importante. Porque, se não, é fácil. Simplesmente ele governará três anos, se bem governar, aí no quarto ano para pensar na reeleição", acrescentou Agnelo Alves. CARLOS EDUARDO Com relação ao filho dele, o prefeito de Natal Carlos Eduardo Alves, Agnelo Alves afirmou que ele não será mesmo candidato neste

ano. Tentará a reeleição em 2016. Mas, ainda disputará uma nova eleição para o Governo do Estado. Um dia. "Eu espero que ele seja governador", afirmou Agnelo. Com relação à promessa de apoio que o prefeito, presidente estadual do PDT, teria feito a Robinson Faria, em reunião do PSD no ano passado, Agnelo Alves descaracterizou o discurso, dizendo que não foi bem isso. "Não é uma posição, é uma opinião. Robinson tem outras condições, merecimentos e méritos além de ter apoiado Carlos Eduardo em 2012", afirmou Agnelo. Até porque a ex-governadora Wilma de Faria, do PSB, também apoiou Carlos Eduardo no ano retrasado e também precisa do apoio dele neste ano. Porém, muito provavelmente, estará em uma chapa oposta a de Robinson Faria, pré-candidato ao Governo.

Vereador defende nome de Ricardo Motta para governador do Estado

O prazo para desincompatibilização de políticos que desejam ser candidatos e são ordenadores de despesas termina no dia 5 de abril, portanto 6 meses antes de 5 de outubro quando acontecerão as eleições deste ano. Significa dizer que Wilma de Faria, Garibaldi Filho e Henrique Eduardo terão que deixar os cargos até esta data se confirmarem que serão candidatos no próximo pleito. Wilma de Faria é vice-prefeita de Natal, Henrique Eduardo é presidenta da Câmara Federal e Garibaldi Filho, ministro de Estado.

PERGUNTAR NÃO PAGA IMPOSTO

CURIOSIDADE APENAS Quando é que o Ministério do Desenvolvimento Agrário cumpre a palavra e entrega o restante das maquinas prometidas às Prefeituras Municipais?

LEITURA DINÂMICA t O PV é um partido simpático, presidido no Estado pelo senador Paulo Davim, um político sério e competente que dignifica o mandato. O Partido Verde que completa 28 anos, defende uma causa justa: o crescimento da País, respeitando o Meio Ambiente. t Fala-se nos meios políticos que Mada Maia, filha do prefeito de São Gonçalo, Jaime Calado, está tendo dificuldades em conseguir a legenda do PR para se candidatar à deputada estadual este ano. Problemas de relacionamento entre João Maia, presidente do Partido da República e o prefeito Jaime Calado. t O ex-deputado Elias Fernandes é o novo cidadão novacruzense. Ele recebeu o título no final de semana proposto pelo ex-vereador Luiz da Verdura, recente-

Agnelo: Henrique tem as melhores condições para disputar Governo

> OPÇÃO PARA O INTERIOR

Data limite

(

Segunda-feira

mente falecido. t Vereadores de Natal serão convocados extraordinariamente a partir do dia 3 de fevereiro. Entre as matérias a serem examinadas está a criação de 827 cargos na prefeitura de Natal. t O vereador Chagas Catarino lamenta a morte prematura do empresário Fernando Medeiros, que era proprietário do Restaurante Camarões. Foi um dos grandes incentivadores e apoiadores de sua eleição. t O jornalista Edilson Braga assumiu a Assessoria de Imprensa do Ministério Público Estadual. Cássius Varela é o novo diretor de Comunicação em substituição a Braga. t Para refletir: "O Brasil não tem problemas, só soluções adiadas". (Luis da Câmara Cascudo, folclorista potiguar).

)

Fotos: Welliington Rocha

JOAQUIM PINHEIRO REPÓRTER DE POLÍTICA

O vereador Leleu Fontes, do PROS de Caicó, está defendendo o nome do deputado Ricardo Motta, líder do seu partido e atual presidente da Assembleia Legislativa, para o Governo do Estado nas eleições deste ano, justificando que Ricardo Motta tem todos os pré-requisitos e condições políticas necessárias para ser a melhor alternativa no momento para gerir os destinos do Rio Grande do Norte nos próximos anos. "Ricardo Motta é presidente de um partido novo, que já conta com 5 deputados estaduais e 5 vereadores na Câmara Municipal de Natal, além de inúmeros prefeitos e mais de 100 vereadores em todo o Estado", disse ele, acrescentando ainda, ser Ricardo Motta "um político hábil, conciliador e com serviços prestados ao Estado, além de ser representante da família Motta, uma das tradicionais da política local". Leleu Fontes considera que o cenário político do Rio Grande do Norte é favorável a candidatura de Ricardo Motta, haja vista a necessidade da classe política unir-se nesse momento de dificuldade que vive o Estado objetivando eleger um político comprovadamente conciliador e que tenha bom relacionamento com todos os líderes partidários do Estado. "Esse é o perfil do deputado Ricardo Motta", ressalta, lembrando ser difícil encontrar um homem público que agregue mais do que o atual presidente da Assembleia Legislativa. "Ricardo Motta não tem dificuldade de aglutinar, por exemplo, o PSB da vice-prefeita de Natal, Wilma de Faria, o PSD do vice-governador Robinson Faria, o PMDB de Henrique Eduardo e Garibaldi Filho e o PDT do prefeito Carlos Eduardo, destacando-se também, a amizade pessoal que o presidente da

Vereador Leleu vê o deputado Ricardo Motta como “um político hábil, conciliador e com serviços prestados ao Estado” Assembleia Legislativa tem com o senador José Agripino". CHAPA IDEAL No entendimento do vereador caicoense, Leleu Fontes, a chapa ideal para conquistar uma vitória expressiva nas eleições deste ano seria Ricardo Motta para governador, tendo um nome do PMDB ou do PDT para vice-governador, que segundo ele, poderia ser Agnelo Alves, contemplando assim um nome da família Alves, motivando assim, os líderes peemedebistas, Henrique Eduardo e Garibaldi Filho a mobilizarem-se na campanha eleitoral. Para o Senado, o vereador caicoense entende que o melhor nome seria Wilma de Faria, já que segundo ele, os líderes do PMDB não vencerão o pleito com o PT compondo a chapa majoritária. "O nome de Ricardo Motta seria o novo da campanha deste ano", lembra o vereador, acrescentando ser difícil uma candidatura de Wilma de Faria para o Governo do

Estado. "Ele ficaria sozinha e a sua campanha iria se tornar muito difícil", observa. COADJUVANTE O vereador Leleu Fontes, que até pouco tempo presidiu a Câmara Municipal de Caicó, entende que com o potencial a representatividade que tem o PROS no Estado e o reconhecido potencial eleitoral em todo o Estado não pode ser coadjuvante nas eleições deste ano. Lembra que o partido conta nos seus quadros com lideranças como Vivaldo Costa, que foi vice-governador, governador, deputado estadual em várias legislaturas, prefeito de Caicó e presidente da Assembleia Legislativa. Tem o atual presidente da Casa, deputado Ricardo Motta, maior expressão eleitoral do partido, e parlamentares como Raimundo Fernandes, Ezequiel Ferreira, Gilson Moura e Gustavo Carvalho. "O PROS tem tudo para se consolidar como um partido forte eleitoramente e influente na política

do Rio Grande do Norte. A previsão é do vereador Leleu Fontes, que vê no Partido Republicano da Ordem Social uma legenda que tem como filosofia a luta pela melhoria da qualidade de vida do povo brasileiro e o desenvolvimento do Pais, começando, segundo ele, pela redução da carga tributária, considerada uma das mais altas do mundo. "O PROS é um partido novo, sério e ético, que no Estado tem como líder um homem público comprovadamente probo", ressalta Leleu Fontes. Concluindo, o vereador caicoense, defende que outro partido novo, o PSD, do vice-governador Robinson Faria deve repensar o seu projeto político de ser candidato ao Governo do Estado para se aliar ao PROS numa aliança e uma frente de partidos tendo Ricardo Motta como candidato a governador, segundo ele, "numa união de esforços para tirar o Rio Grande do Norte das dificuldades que enfrenta no momento".


Cidade

Segunda-feira

Natal, 20 de janeiro de 2014

O Jornal de HOJE 5

Arena das Dunas está pronto, mas Semsur ainda não expediu alvará de funcionamento Divulgação

ESTÁDIO

RECEBERÁ A PRESIDENTE

Faltando apenas dois dias para a inauguração oficial do Arena das Dunas, ainda não há um posicionamento efetivo da Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Urbanismo (Semurb) sobre a liberação do Habite-se para o estádio, que está 100% pronto depois de quase 30 meses de obras ininterruptas. O documento a ser emitido pela Prefeitura comprova que a obra está dentro da legislação e permite a liberação para uso. Na última sexta-feira (17), o Ministério Público fez uma recomendação à Semurb para não liberar o alvará de Habite-se do estádio enquanto não for comprovado o integral cumprimento das normas de acessibilidade. Como no dia da inauguração oficial não haverá uso total do estádio, especula-se que o documento seja emitido até o domingo (26), quando a Arena estará efetivamente funcionando e será aberta ao público. Na ocasião, América e Confiança vão se enfrentar pela

DILMA

Copa do Nordeste, e ABC e Alecrim, pelo campeonato potiguar. Tanto o titular da Semurb, Marcelo Toscano, quanto os responsáveis pelo serviço de engenharia do Corpo de Bombeiros foram procurados, mas não estavam disponíveis para esclarecimentos. Neste fim de semana foram realizados os últimos ajustes para a cerimônia de abertura que será realizada na próxima quarta-feira (22), a partir das 16h, com a presença da Presidenta Dilma Rousseff e do secretário-geral da Fifa, Jêrome Valcke. A cerimônia será fechada para convidados e imprensa. Cerca de 4,5 mil operários trabalharam na construção da estrutura, que terá 42 mil lugares, 21 acessos, 38 camarotes, sala de conferência, sala de mídia, dois lounges VIP e 29 bares/restaurantes. Também foram entregues ambulatórios, academias de ginástica, praça externa de 22 mil m² com piso intertravado para resistir a grandes con-

NA QUARTA

centrações de público durante os shows externos, auditório para 250 pessoas, escritórios e áreas comerciais, além de mais de 2 mil vagas de estacionamento. O campo possui medidas de 105 m x 68 m e a cobertura é formada por 20 pétalas, que simulam as dunas potiguares. O Arena das Dunas sediará quatro jogos da Copa do Mundo. México e Camarões será realizado no dia 13 de junho, Gana e Estados Unidos, no dia 16 de junho, Grécia e Japão, dia 199 de junho, e Uruguai e Itália, no dia 24 de junho, válidos pela fase de grupos do Mundial. PROTESTO Diversos sindicatos pretendem fazer muito barulho na inauguração do Arena da Dunas. Com o lema 'Da Copa eu abro mão, queremos mais dinheiro pra saúde, segurança e educação', o ato terá início às 14h, no cruzamento das avenidas Ber-

Obra está 100% concluída e será inaugurado, oficialmente, na próxima quarta-feira pela governadora Rosalba Ciarlini nardo Vieira e Salgado Filho, onde os manifestantes sairão em passeata até o estádio. A mobilização é contras os gastos na construção do Arena das Dunas e exigirá a saída da gover-

nadora Rosalba Ciarlini. O protesto foi decidido após reunião com sindicatos dos servidores da saúde, policiais civis, servidores estaduais, funcionários da UFRN, guardas municipais, estudantes e professores

de São Gonçalo do Amarante. O Sindicato dos Bancários, as centrais CSP/Conlutas e Intersindical e a Anel (Assembleia Nacional dos Estudantes - Livre) também participarão do ato.

> PARA EVITAR PROBLEMAS

Reunião debate as ações de proteção ao consumidor na Copa do Mundo 2014 Durante o maior evento esportivo do mundo, as sedes da Copa do Mundo de 2014 estarão recebendo turistas de todos os lugares. Para garantir que os diretos do consumidor sejam garantidos, a Secretaria Nacional de Defesa do Consumidor (Senacon), em parceria com o Procon/RN, promoveu um encontro para discutir o Plano Nacional de Consumo e Cidadania (Plandec). O objetivo do plano é criar um espaço institucional para ações integradas de proteção ao consumidor no âmbito do turismo, como ênfase na prevenção de eventuais conflitos e o estabelecimento de procedimentos de monitoramento, congestionamento e solução de demandas para o Mundial. Reuniões como estas estão acontecendo em todas as capitais sedes da Copa e têm a intenção de integrar todos os entes públicos e instituições privadas, que ajam nas relações de consumo e que durante a Copa do Mundo terão uma grande responsabilidade de garantir aos consumidores, sobretudo aos consumidores turistas que estarão em Natal, o efetivo cumprimento da legislação do Direito ao Consumidor. O Comitê Técnico de Consumo e Turismo, idealizado pelo Plano Nacional da Secretaria de Defesa

Wellington Rocha

Encontro promovido pela Secretaria Nacional de Defesa do Consumidor foi realizado hoje pela manhã na Governadoria do Consumidor conta com a participação de membros dos Ministérios da Justiça, Turismo, Saúde e Transportes, da secretaria de Aviação Civil, Embratur, Anac, Anvisa, ANTT e da Infraero, além dos atores locais como, Procon Estadual e Municipal, Ministério Público, Vigilância Sanitária e associações de hotéis e turismo. Para a secretária nacional de Defesa do Consumidor, Juliana Pereira da Silva, o objetivo é colocar as

ações de defesa do consumidor na pauta da Copa. "Durante o Mundial nós receberemos no Brasil milhões de turistas, que estarão se deslocando de uma cidade para outra, turistas nacionais e internacionais. Então, o objetivo desta reunião é colocar a proteção do consumidor como também uma agenda da Copa". A secretária disse também que a ideia de trazer o comitê federal para dialogar com as autoridades do Município e do Estado é para que se

tenha uma boa realização da Copa no Rio Grande do Norte. "A Secretaria Nacional do Consumidor tem procurado, junto com outros órgãos federais, organizar para que não haja conflitos de consumo, trabalhar na prevenção desses conflitos, e, havendo conflito quem responde pelo consumidor em cada cidade-sede, quem o consumidor, principalmente estrangeiro, deve procurar", pontuou Juliana Pareira. A governadora Rosalba Ciarli-

ni esteve presente na reunião e falou da importância de discutir ações para receber bem aqueles que estarão na cidade durante o Mundial. "É muito importante que a gente possa reunir e discutir as medidas necessárias, para que se tenha durante o período da Copa o máximo de respeito ao consumidor, para que aqueles que vão chegar ao nosso Estado, que vão não só assistir aos jogos da Copa, mas também vão usufruir de nossas belezas, dos nossos serviços, possam estar tranquilos e sejam muito bem recebidos pelo Rio Grande do Norte". De acordo com Juliana Pereira, a maioria das cidades, o próprio Procon, as secretarias de Turismo e os responsáveis pela Copa no âmbito local estão coordenando pesquisas para avaliar os preços e as qualidades de diversos produtos e serviços. "O preço dos serviços que envolvem a Copa é um ponto da nossa agenda. Temos acompanhado a questão hoteleira, transporte aéreo, mas a nossa preocupação também é com mobilidade urbana, bares e restaurantes, com cardápios e com preços de táxis". A secretária ressaltou também a importância da participação do trade turístico neste processo. "É muito importante a presença do trade

turístico, agências, hotéis, bares e restaurantes para que todos juntos possamos fazer a melhor recepção possível. Nós queremos mostrar pro Brasil e pro mundo que além de ser bons de futebol somos bons na qualidade dos serviços e no respeito ao consumidor". Para o diretor do Procon Natal, Kleber Fernandes, a participação de todos os órgãos envolvidos é primordial para o bom funcionamento do processo. "É importante a união de todos neste processo para unificar os discursos e as estratégias que serão desenvolvidas durante a Copa do Mundo. É uma integração de todos os entes envolvidos para garantir a qualidade na prestação de serviços para os consumidores durante o Mundial". Durante a reunião foram elaborados diversos diagnósticos com ênfase nos principais serviços que serão oferecidos durante a Copa do Mundo: hospedagem, locais de retirada de ingressos, alimentação e bebidas, transporte urbano, aéreo e interestadual, acessibilidade e monitoramento de preços, oferta e qualidade de produtos. Foi discutida também a elaboração de material educativo nos idiomas português, espanhol e inglês para os consumidores turistas.

> VAI DOER NO BOLSO

Táxis cobrarão novas tarifas a partir de hoje Nesta segunda-feira (20), o natalense amanheceu com mais um reajuste. Desta vez foram os táxis que aumentaram suas tarifas. O reajuste foi publicado no Diário Oficial do Município no último dia oito de janeiro. Em virtude deste aumento e para verificar se está sendo cobrado o valor correto da bandeirada, o Instituto de Pesos e Medidas do Rio Grande do Norte (Ipem/RN) começou a partir de hoje a aferição dos taxímetros dos veículos utilizados no município. O novo valor da bandeirada que será cobrado a partir de hoje é de R$ 4,55. Antes do aumento, o valor cobrado era de R$ 4,15, o que significa um aumento de quase 10%. A aferição está sendo feita apenas nos carros de Natal e serão verificados os 1.012 táxis que compõem a frota da capital. De acordo com o cronograma do Ipem/RN, serão verificados os taxímetros de 80 carros por dia. As outras cidades devem continuar fazendo suas aferições normalmente, segundo a determinação da prefeitura de cada município. O aumento da tarifa foi publicado desde o dia oito de janeiro, porém a verificação só começou hoje e os novos valores só poderão

Fotos: Wellington Rocha

tas de Natal devem comparecer até a sede do Ipem/RN, situada à rua São Jorge, nº 1036, Cidade da Esperança, Natal/RN, das 7h às 13h, para regularizar sua situação. Veja o cronograma de aferição: DATA

NÚMERO DO TÁXI

20/1:

01 a 80

21/1:

81 a 160

22/1:

161 a 240

23/1:

241 a 320

24/1:

321 a 400

27/1:

401 a 480

Novo valor cobrado pelos taxistas natalenses é quase 10% superior ao antigo

Ipem está fiscalizando se os taxímetros dos veículos estão com valores corretos

28/1:

481 a 560

ser cobrados dos usuários a partir da verificação do veículo pelo Ipem/RN. De acordo com o chefe do setor de taxímetro do Ipem/RN, Marcus Pignataro, o aumento da tarifa foi um ganho para os taxistas. "Esse aumento foi para benefício dos taxistas, pois foi reajustado o preço da gasolina, de pneus e dos serviços dos veículos. E esta verifica-

rizada e, em seguida, vai para um teste prático. Caso o veículo seja reprovado no teste prático, o táxi é encaminhado novamente para a oficina realizar o conserto do taxímetro. O valor para a verificação é R$ 37, que corresponde a aferição anual que todos já fazem. O taxista José Gerilson disse que o aumento da tarifa é necessário, pois todo ano há aumento de

29/1:

561 a 640

30/1:

641 a 720

31/1:

721 a 800

3/2:

801 a 880

4/2:

881 a 960

5/2:

961 a 1012

ção dos taxímetros é importante também para o usuário, pois ele vai ter a certeza que a aferição está com o valor correto e o taxista não está lhe enganando". A verificação é feita com a liberação, por parte do Ipem-RN, da ordem para ajustar o taxímetro em virtude da mudança da tarifa. Após estar com esta ordem, o taxista se encaminha para uma oficina auto-

tudo. "Essa atualização de valores é muito importante para nós taxistas porque todo ano tudo aumenta e, então, nós devemos ser ressarcidos de certa forma do que a gente tem de despesas, e é importante para os clientes porque a gente faz a aferição e ele vai ter a segurança que está tudo correto". A aferição de taxímetros segue até o dia 05 de fevereiro. Os taxis-


6 O Jornal de HOJE

Natal, 20 de janeiro de 2014

Cidade

Segunda-feira

Fotos: Heracles Dantas

Três CMEIs do bairro de Mãe Luiza estão passando por reformas na estrutura física, elétrica e hidráulica. Início do ano letivo está marcado para o próximo dia 4 de fevereiro

Atraso em obras pode comprometer ano letivo em CMEIs APESAR DA DEMORA, DIRETORAS AFIRMAM QUE SECRETARIA DE EDUCAÇÃO GARANTIU CUMPRIMENTO DO PRAZO DE OBRAS Três Centros Municipais de Educação Infantil (CMEIs) do bairro de Mãe Luiza correm o risco de não acompanhar o início do ano letivo estipulado pela Prefeitura de Natal. De acordo com a Secretaria Municipal de Educação (SME), as aulas na rede pública estão previstas para começar no dia 4 de fevereiro. Até lá, unidades de educação infantil deverão apressar os serviços. Os CMEIs que estão passando por reparos na estrutura física são o Galdina Barbosa, Nossa Senhora de Lourdes e João Perestrello. Pelas redes sociais, a vereadora Eleika Bezerra chegou a criticar o atraso dos serviços pela empresa

contratada. Durante visita às unidades - que receberam recursos através de emendas aprovadas pela parlamentar - a vereadora constatou ausência de homens trabalhando e de materiais. "São obras simples e importantes que, no ritmo em que estão, vão prejudicar o início do ano letivo. Em uma delas não havia um só operário trabalhando. Em outra, dois trabalhavam e outros aguardavam a chegada de material", informou a vereadora em postagem publicada na última quinta-feira (16). Ainda segundo a vereadora, a Secretaria recebeu uma comissão para tratar desse assunto. "Fomos bem atendidos pela chefe de engenha-

ria da SME, que prometeu agilidade", disse. A reportagem d'O Jornal de Hoje visitou os três Centros de Educação Infantil na manhã desta segunda-feira e constatou que as obras estão em andamento. Em todas as unidades os serviços da parte elétrica e hidráulica foram concluídos, segundo informou as diretoras responsáveis por cada escola. Ana Guimarães, responsável pela direção no CMEI Nossa Senhora de Lourdes, localizado na Avenida João XXIII, disse que se as obras não derem uma boa adiantada, não será possível iniciar o ano letivo. "Os atrasos que tive-

mos entre dezembro e o início de janeiro podem prejudicar o início do ano letivo. Faltam poucas coisas a serem feitas, como finalizar a aplicação do PVC no teto das salas e a parte de pintura em toda a estrutura. Porém, se não corrermos com isso, não teremos como iniciar as aulas", disse. No CMEI Galdina Barbosa, também localizado na Avenida João XXIII, a diretora apresentou otimismo. "Tivemos algumas ausências, mas temos uma boa equipe dando continuidade ao trabalho. Ainda nesta semana deveremos receber mais reforço, conforme prometido pela empresa. A Secretaria de Educação nos garantiu que tudo

> CONTRATAÇÃO José Aldenir

Prefeitura de Natal abre processo seletivo para professores e educadores infantis A Secretaria Municipal de Educação (SME) publicou no Diário Oficial do Município (DOM) na última quinta-feira (16) a abertura do processo seletivo simplificado para a contratação temporária de professores. As vagas serão ilimitadas, com provimento dos cargos de educador infantil nos Centros Municipais de Educação (CMEIs), professor intérprete, professor de língua portuguesa, professor de libras e professor dos anos iniciais. As inscrições vão até o dia 27 de janeiro e custam R$ 50 para todos os cargos. De acordo com Edenice Peixoto, presidente da Comissão de Concursos da SME, o processo seletivo terá validade de dois anos, podendo ser prorrogado por igual período. O número de pessoas a serem convocadas vai depender da necessidade da Secretaria Municipal de Educação. "Não definimos o número de vagas porque irá depender da demanda das escolas. Esses profissionais serão destinados para trabalharem nas novas unidades de Ensino Infantil e nas escolas que precisam de reposição de professo-

Heracles Dantas

Segundo Edenice, vagas são ilimitadas, mas seleção terá validade de dois anos res, devido a questões de afastamento", explicou. Os salários variam entre R$ 1.334,52 e R$ 1.639,34. No processo simplificado será analisado apenas o currículo do candidato perante os critérios à formação su-

perior, licenciatura e mestrado, cursos de capacitação e experiência profissional. Os interessados em participar do processo seletivo podem realizar a inscrição somente pela internet, através do site da Prefeitura de Natal pelo endereço

www.natal.rn.gov.br. Após a inscrição no site, é necessário que o candidato compareça à Comissão Permanente de Concursos Públicos (Compec) para efetivar a inscrição. Cada candidato deverá apresentar o comprovante de pagamento, foto 3×4, diploma, original e cópia do CPF e RG, comprovante de votação na última eleição e comprovação de quitação com Serviço Militar - apenas para candidatos do sexo masculino. "Pedimos que os candidatos leiam o edital atenciosamente para que não ocorra reclamações como nos últimos anos. Muitas pessoas não tem a qualificação necessária, fazem o pagamento da inscrição, mas no ato na apresentação é desclassificado", destacou Edenice Peixoto. A Compec fica na sede da SME, localizada na avenida Fabrício Pedrosa nº 915, no bairro de Areia Preta. O horário de atendimento é das 8 às 14h, de segunda a quinta-feira, e das 8h às 12h nas sextas-feiras. O resultado parcial da seleção deve ser divulgado no dia 29 de janeiro, após julgamento dos recursos, e o final publicado no dia 4 de fevereiro.

está correndo conforme calendário de obras", afirmou. Até o fechamento desta edição, a reportagem tentou contato com a secretária de Educação Justina Iva e com o responsável pelo setor de

Engenharia da SME, mas não conseguiu um retorno sobre o cumprimento do calendário de obras. Caso o ano letivo não comece na data prevista, cerca de 300 crianças podem ficar prejudicadas.


Economia

Segunda-feira

Natal, 20 de janeiro de 2014

O Jornal de HOJE 7

Assecom/Canindé Soares

HOJE na Economia MARCOS AURÉLIO DE SÁ

administracao@jornaldehoje.com.br

Sinduscon/RN e Receita Federal firmam convênio que facilita trabalho das empresas n O Sindicato da Indústria da Construção do Rio Grande do Norte (Sinduscon/RN) e a Superintendência Regional da Receita Federal em Natal assinaram Acordo de Cooperação Técnica que permitirá às empresas construtoras entregarem na sede do sindicato os documentos relativos a serviços prestados pela Receita. n O termo determina que a protocolação relativa aos serviços de Regularização de Obra por Contabilidade - Declaração e Informações sobre Obra (DISO) e Emissão de Certidões para a Averbação de Obra de Construção Civil - ficará disponível aos construtores no Sinduscon (Rua Raimundo Chaves, 2182, sala 101, bairro de Candelária) o que ajudará a diminuir o fluxo de contribuintes no Centro de Atendimento ao Contribuinte (CAC) da repartição vinculada ao Ministério da Fazenda nesta capital. n O Acordo de Cooperação Técnica foi assinado pelo superintendente regional Marcos Hübner Flores e pelo presidente do SindusconRN, engenheiro Arnaldo Gaspar Júnior, em ato ao qual estiveram presentes a vice-presidente do órgão de classe, Larissa Dantas Gentile, e a sua diretora-executiva, Ana Adalgisa Paulino. n Os serviços de regularização de obras continuarão a ser realizados através do Centro de Atendimento ao Contribuinte da Receita Federal, em Natal, onde será feita a recepção de envelopes contendo os documentos protocolados. E os contribuintes continuarão podendo buscar diretamente os serviços nos CAC de Natal e Parnamirim. n Caberá à Superintendência da Receita Federal fazer o treinamento do pessoal do sindicato que se encarregará de dar cumprimento ao acordo. "O Boticário" encabeça as 10 marcas preferidas pelos consumidores brasileiros n Pesquisa de mercado realizada no Brasil pela agência YouGov (uma das mais acreditadas do mundo) aponta a marca "O Boticário", de perfumes e cosméticos, como a mais lembrada e de melhor imagem no país. n A empresa "O Boticário" alcançou em 2013 a melhor colocação na lista das dez maiores marcas do Brasil, elaborada por meio da ferramenta YouGov BrandIndex, plataforma que monitora a percepção de consumo das marcas por meio de pesquisas semanais. n Apesar de ter, no seu segmento, uma parcela de mercado inferior à sua principal concorrente (a "Natura", que

Grupo Estácio de Ensino Superior refuta acusação de que descumpre lei trabalhista n A respeito de notícia publicada nesta coluna na edição do último sábado, sobre a Ação Civil Pública movida pelo Ministério Público do Trabalho do Rio Grande do Norte contra a ANEC (Sociedade Natalense de Ensino e Cultura Ltda.), empresa integrante do Grupo Estácio de Ensino Superior, recebemos nota de desmentido, nos seguintes termos: n "A Estácio informa que: n "Refuta toda e qualquer acusação de descumprimento de obrigações trabalhistas. n "Além disso, esclarece que toma os cuidados e providências necessários para o cumprimento integral das regras trabalhistas previstas em lei e que tais providências foram apresentadas ao Ministério Público. n "No entanto, mesmo diante dos esclarecimentos apresentados pela Instituição, o Ministério Público distribuiu a referida ação, na qual teremos nova oportunidade de demonstrar o adimplemento e a idoneidade da Instituição. n "Como um dos maiores grupos de ensino superior privado do país, a Estácio se orgulha de ser uma referência nacional em gestão, governança, transparência, cumprimento de obrigações trabalhistas e boas práticas. n "Estes compromissos estão presentes em sua operação no Rio Grande do Norte com a mesma prioridade que nos outros 19 estados, além do Distrito Federal, onde a Estácio atua. n "A instituição informa ainda que está tomando providências judiciais contra a liminar que foi concedida, posto que tem como comprovar que a ANEC observa e cumpre todas as suas obrigações trabalhistas e previdenciárias." n A coluna esclarece que se restringiu a divulgar a informação, ora contestada, nos exatos termos em que ela foi emitida pelo Ministério Público do Trabalho e pela justiça trabalhista.

ficou em segundo lugar no ranking de marcas), a rede "O Boticário" é mais reconhecida pelos compradores brasileiros. n Já a marca de produtos de higiene bucal "Oral-B" é a terceira da lista, batendo a sua maior rival, a "Colgate", que ficou com o quinto lugar. n De acordo com o CEO (diretor-executivo) do YouGov BrandIndex, Ted Marzilli, o Brasil se tornou um dos mercados mais interessantes do mundo, já que o consumidor brasileiro está entre os que têm elevado mais rapidamente seu poder aquisitivo. Para ele, companhias de todos os setores estão buscando manter uma boa imagem em nosso país, de modo que empresas como 'O Boticário' e 'Natura' continuar sendo muito competentes para manter suas posições. n Segundo a pesquisa da YouGov, são as seguintes as 10 marcas mais lembradas do Brasil: 1) O Boticário - 74,6 pontos; 2) Natura - 70,7; 3) Oral B - 63,6; 4) Nestlé 62,5; 5) Colgate - 60,1; 6) Facebook - 58,4; 7) Samsung 57,9; 8) Google - 56,7; 9) Avon - 56,2; e 10) Dove 54,2 pontos.

Emparn promoverá, amanhã e depois, dias de campo para pequenos produtores rurais n A Empresa de Pesquisa Agropecuária do Rio Grande do Norte (Emparn) iniciará esta semana suas atividades de extensão programadas para 2014 com a realização de dois dias de campo destinados a micro e pequenos produtores rurais do semiárido. n Ambos os eventos acontecerão na Estação Experimental de Terras Secas, município de Pedro Avelino. n O primeiro será nesta terçafeira, com a participação de 15 agricultores familiares de municípios da região Seridó, tendo como tema o plantio de palma forrageira irrigada e adensada. n E o segundo, na quarta-feira, transmitirá a 25 pequenos criadores da região do Mato Grande, as técnicas de manejo desenvolvidas pela Emparn ao longo dos últimos anos para a criação lucrativa de caprinos e ovinos no sertão. n O coordenador do dia de campo sobre o cultivo adensado e irrigado de palma será o pesquisador Guilherme Ferreira Lima. Já o encontro sobre a caprinovinocultura terá à frente os pesquisadores Aurino Alves Simplício e Alexandre Wanderley.

Governo garante conclusão das vias de acesso antes do início das atividades do novo Aeroporto de São Gonçalo do Amarante

Demétrio sobre obra dos acessos: “É uma questão de regra de três” PROJETO SERÁ ACELERADO PARA CONCLUIR, DIZ SECRETÁRIO Heracles Dantas

MARCELO HOLLANDA HOLLANDAJORNALISTA@GMKAIL.COM

O secretário Extraordinário da Copa e diretor-geral do Departamento de Estradas de Rodagem (DER), Demétrio Torres, reduziu o desafio de construir os acessos ao aeroporto de São Gonçalo do Amarante, que será entregue em abril, a uma simples "regra de três" da matemática. Foi o argumento que ele usou ao ser indagado pelo O JORNAL DE HOJE, nesta segunda-feira por telefone, se uma obra iniciada há 50 dias, com apenas 25% do total concluído, poderia estar terminada no final de março, daqui dois meses. Trata-se do acesso Norte ao aeroporto Aluízio Alves, em São Gonçalo do Amarante, com 11 quilômetros de extensão, dos quais seis são na própria BR-406 em trecho que está sendo duplicado (a chamada Via Metropolitana) e outros cinco quilômetros ligando a BR-406 ao aeroporto. Essa parte, aliás, já tem 25% concluída. Cansado de responder às mesmas perguntas, Demétrio Torres disse o seguinte: "É uma questão de regra de três. E como antes não havia dinheiro e agora há, é óbvio que vamos acelerar para concluir". E acrescentou: "Se você quiser mais alguma informação, me procure pessoalmente". No último fim de semana, a Secretaria de Comunicação do estado distribuiu nota informando sobre o andamento dos acessos ao novo aeroporto, que já foi motivo de dúzias de previsões não confirmadas de Demétrio Torres. Depois de concluída a terraplenagem nos dois acessos, só agora a obra começa a deslanchar. Na China, é comum ver imensas torres e autoestradas se martirizarem da noite para o dia. Não é o que acontece no Rio Grande do Norte, onde o Pró-Transporte se arrasta por uma década a exemplo do pró-

Demétrio: “Como antes não havia dinheiro e agora há, vamos acelerar” prio aeroporto. Com dinheiro federal assegurado por conta da proximidade da Copa do mundo e das eleições, cerca de 120 máquinas e 200 operários correm para cumprir um cronograma agora extremamente apertado. "Os prazos estão mantidos e a população pode ter a garantia de que os acessos serão entregues pelo Governo do Estado junto com o novo aeroporto", declarou Demétrio no release oficial distribuído à imprensa. Segundo essa fonte, o acesso Sul, que tem 17 quilômetros de extensão, está 7% concluído e será entregue no final de maio, ligando o aeroporto à BR-304, na altura de Macaíba, e daí a BR-101. "Essa obra tem um ritmo mais lento por causa das desapropriações de terras e da extensão", informa o texto. Os acessos ao novo aeroporto de São Gonçalo do Amarante orçados em R$ 73 milhões têm seus recursos oriundos de um financiamento do Governo do Estado junto à Caixa Econômica Federal. O projeto original, orçado em R$ 7 milhões, só previa um acesso, o Norte, pelo bairro de Igapó,

e mediante um segundo projeto apresentado pela governadora Rosalba Ciarlini à ministra Miram Belchior foi possível provar o segundo acesso. "Era inconcebível que um aeroporto desse porte, com sistema de carga e de passageiro, não tivesse uma ligação com o interior do RN, pela BR 304, e depois a BR 101", argumentou Rosalba - a mesma que insiste em manter a atual alíquota de 17% sobre o querosene de aviação considerado um dos maiores gargalos ao sucesso do novo aeroporto. Oficialmente, o Governador Aluízio Alves entrará em operação às 8h30 do dia 3 de abril de 2014, quando o primeiro voo do Aeroporto Internacional Augusto Severo será remanejado para São Gonçalo do Amarante, a 33 km de distância. Na primeira fase, o aeroporto terá capacidade para 6,2 milhões de passageiros por ano e numa segunda fase para 11 milhões de passageiros/ano, demanda esperada apenas para 2038. Mas, hoje, Consórcio Inframérica, responsável pela construção e operação do terminal, já trabalha com a possibilidade de enfrentar muita ociosidade. A pista, inteiramente construída pelo Exército Brasileiro foi a primeira obra a ser entregue. Tudo o mais foi construído em torno dela originalmente projetada para receber voos do projeto da Nasa de ônibus espaciais, anda nos anos 90. Críticos do projeto dizem que o fato do aeroporto não ter duas pistas secundárias, embora tenha uma principal que não deixa a dever a nenhum outro terminal no mundo, é um grande problema para a sua operação. O atual Augusto Severo, que já o foi uma das principais bases aliadas durante a Segunda Guerra, tem três pistas. Elas servem como auxiliares no caso de algum incidente envolvendo a pista principal.

> PORTO

Regulamentação de práticos gera debate sobre ganhos A regulamentação dos serviços de praticagem no Brasil tem provocado uma briga nos bastidores, envolvendo os representantes do setor e a Comissão Nacional para Assuntos de Praticagem (Cnap), informa o site especializado Portos & Navios. Práticos são os profissionais que manobram os navios desde a entrada no canal do porto até o cais e que apesar dos altos salários nos casos de grandes terminais - não é o caso do porto de Natal - reclamam da falta de clareza da metodologia que define um preço-teto para a prestação de serviço. A fórmula debatida agora reduziria em até 80% o valor cobrado pela praticagem e torna a atividade inviável, afirma ao Portos e Navios o presidente do Conselho Nacional de Praticagem

(Conapra), Ricardo Falcão. Em novembro passado, segundo ele, a Conapra conseguiu na Justiça uma liminar obrigando a Secretaria de Portos (SEP, integrante da Cnap) a mostrar toda documentação envolvida na criação da metodologia de cálculo

Em um porto com grande movimento, o salário do prático pode superar a casa dos R$ 40 mil.

dos serviços. "Mas a decisão não foi cumprida e o Conselho teve de protocolar novo pedido na Justiça para entender os cálculos",

acrescentou. Para tornar-se Prático, não basta passar no processo seletivo. Depois de selecionado e devidamente certificado como Praticante de Prático, é obrigado a cumprir, um programa de treinamento, com duração de 12 a 20 meses, na ZP para onde foi locado. Além disso, deve ser aprovado em exame de habilitação aplicado pela Capitania dos Portos com jurisdição sobre a ZP. O Prático é o profissional aquaviário que assessora o Comandante durante navegações em regiões onde as peculiaridades locais dificultam a livre e segura movimentação de embarcação, como em portos, baías, rios e canais. Num porto com grande movimentação, o salário de um prático pode superar em muito a casa dos R$ 40 mil.


8 O Jornal de HOJE

Natal, 20 de janeiro de 2014

Cidade

Segunda-feira

Direção do HWG apela para que prefeituras não enviem casos de clínica médica para a unidade DESDE A ÚLTIMA-SEXTA-FEIRA, HOSPITAL WALFREDO GURGEL CONCENTRA DEMANDAS ORTOPÉDICAS DE ALTA COMPLEXIDADE Fotos: Heracles Dantas

FERNANDA SOUZA FERNANDASOUZAJH@GMAIL.COM

O Hospital Monsenhor Walfredo Gurgel registrou um alto número de atendimentos no primeiro fim de semana após o anúncio da Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap) de concentrar as cirurgias ortopédicas de alta complexidade na unidade. No início da manhã desta segunda-feira (20), era intensa a saída e a chegada de ambulâncias, vindas de vários municípios do interior do Estado. Apenas no setor de politrauma havia 15 pacientes, sendo a grande maioria vítima de acidentes de motos. De acordo com dados da direção da unidade, da última sextafeira (17) até o início da manhã de hoje foram registrados 15 acidentes de moto, 94 acidentes de trânsito envolvendo motoqueiros o que dá uma média de 30 acidentes por dia - e 16 casos de acidentes de trânsito gerais. Consultas de urgência e emergência somaram 426, o que dá um total de 767 atendimentos diários. Apenas nas demandas ortopédicas foi realizada uma média de 150 atendimentos, sendo por dia cerca de 50 atendimentos ambulatoriais e entre 180 e 200 cirurgias mensais. O médico Rogério Santos, chefe do grupo de ortopedistas cooperados do Deoclécio Marques

Hoje, apenas no setor de politrauma havia 15 pacientes vítimas de acidentes de moto

Fátima Pinheiro: “Se o Walfredo tomasse conta do trauma estaria funcionando bem”

que estão atuando no Walfredo desde a última sexta-feira, confirmou a alta demanda de atendimentos no setor nestes últimos três dias. "Só tem o Walfredo de porta aberta e foram realizadas várias cirurgias, como casos de fratura exposta de fêmur. Neste início de manhã, já temos seis pacientes esperando cirurgia, sendo três com fratura exposta, que deram entrada na madrugada deste domingo. Dos quatro ortopedistas, dois estão agora no centro cirúrgico, um medicando os pacientes cirurgiados e outro está atendendo. Se o Hospital Ruy Pereira fizesse cirurgias

motos. "Estava vindo com um amigo e ele sobrou na curva, que era muito fechada. Foi nesta madrugada e o Samu chegou logo. Ele está muito mal e com o rosto todo deformado. Quebrei o braço e estou em jejum desde as três da manhã esperando uma vaga para a cirurgia, mas disseram que a previsão é só para depois do ameio dia".

eletivas e se, pelo menos, as Prefeituras de cidades maiores tivessem o serviço ambulatorial com o atendimento de um especialista, ajudaria muito", frisou. O ortopedista também lamenta o alto número de acidentes com motoqueiros. "Além da realização de blitz, deveria haver uma campanha de conscientização como há com os carros quanto à Lei Seca, que mostrou grande efetividade. A maioria dos casos é causada por imprudência". Jusely Miranda, que mora em Ceará-Mirim, entrou para a estatística de vítimas de acidentes com

APELO A diretora geral do Walfredo Gurgel, Fátima Pinheiro, vê com preocupação a alta demanda gerada após a concentração dos aten-

dimentos ortopédicos de alta complexidade no hospital. "Se o Walfredo tomasse conta do trauma estaria funcionando bem, mas estamos recebendo pacientes de clínica médica vindos de todo o Estado e num momento delicado como esse. Ontem chegou um paciente de Poço Branco, mandado pela unidade básica de saúde e ele veio acompanhado de um técnico de enfermagem. Faço um apelo às prefeituras do interior, que pelo menos até o dia 31, cuidem dos seus pacientes de clínica médica ou encaminhem para outros hospitais ou para as UPAs [Unidade de Pron-

to Atendimento]. As UPAs de Macaíba e Parnamirim mandam muitos pacientes para cá mesmo sabendo que não temos condições", disse. TRANSFERÊNCIA Na última terça-feira (14), a Central Metropolitana de Regulação transferiu 21 pacientes para o Hospital Médico Cirúrgico. Os pacientes estavam internados, aguardando vaga para cirurgias consideradas de segundo tempo, nos Hospitais Monsenhor Walfredo Gurgel, Deoclécio Marques (Parnamirim), Tarcísio Maia (Mossoró) e no Hospital Regional de Caicó. A Central Metropolitana de Regulação aguarda que o Hospital Médico Cirúrgico libere mais vagas para que novas transferências sejam feitas, o que, segundo a Sesap, deverá ocorrer na medida em que os pacientes recebam alta médica e os leitos sejam liberados. A transferência de pacientes é possível após a renovação do contrato regular da Secretaria Municipal de Saúde de Natal (SMS) com o Hospital Médico Cirúrgico (HMC). A partir de hoje dois ortopedistas estão realizando cirurgias eletivas (de segundo tempo) no Hospital Deoclécio Marques e a previsão é de que sejam realizadas entre seis e oito cirurgias por dia, a depender da complexidade de cada caso.

> ARENA CIRCO DA FOLIA

2ª DP de Parnamirim investigará acidente em camarote CAROLINA SOUZA ACW.SOUZA@GMAIL.COM

Até que as investigações sejam concluídas, o camarote montado para as festas da Arena Circo da Folia, em Pirangi, estará interditado. Parte da estrutura instalada no local chegou a ceder por não suportar a quantidade de pessoas em um determinado momento em que acontecia o show da dupla sertaneja Fernando e Sorocaba no último sábado (18). Mais de 30 pessoas sofreram ferimentos. Duas prestaram queixa à 2ª Delegacia de Policia de Parnamirim, a quem caberá as investigações sobre os responsáveis pelo incidente. De acordo com o Corpo de Bombeiros, foi realizada uma perícia no dia do evento, após o encerramento do show, seguida da interdição parcial do espaço. "A área permanecerá interditada até que as autoridades legais adotem o procedimento de investigação e nos dê autorização para liberar", informou o chefe do Departamento de Comunicação do Corpo de Bombeiros, tenente Cristiano Couceiro. "Encaminhamos a nossa vistoria à Delegacia responsável por aquela área logo após o evento. A organização do show tinha o Habite-se e toda a documentação regularizada. Porém, como não sabemos o que de fato provocou o acidente, o espaço permanecerá interditado. Após as investigações, o

responsável será notificado, devendo providenciar os ajustes. A delegacia irá apurar se houve um público maior do que o calculado pelo engenheiro responsável pelo projeto", destacou Couceiro. O delegado da 2ª DP de Parnamirim, Frank Albuquerque, informou a O Jornal de Hoje que as pessoas que prestaram queixa receberam Guia de Exame de Solicitação de Corpo de Delito para que o Itep [Instituto Técnico-Científico da Polícia] informe o tipo de lesão sofrida. "Essas duas pessoas nos informaram que sofreram grandes lesões e não tiveram socorro no local. Encaminhamos os envolvidos ao Itep e o local permanecerá interditado enquanto nós apuramos o caso", informou. Para o tenente Couceiro, o incidente ocorrido serve de exemplo para outros tipos de evento. "Se isso aconteceu em uma festa privada, com tudo devidamente regularizado, imagina o risco que as pessoas podem correr em locais que não seguem as normas. Estamos nas proximidades do Carnaval e essa situação deve ser observada", destacou. Nas redes sociais, diversas pessoas que presenciaram o desabamento do camarote soltaram criticas à organização do evento. Outras, que foram vítimas do acaso, comentaram sobre como se deu o acidente. Uma das pessoas que sofreram com o desabamento foi o

promotor de evento Thiago Tavares, que teve seu pé preso ao tablado no momento que o chão cedeu. Em conversa com amigos pelo Facebook, ele conta que sente dores na coluna, na cabeça e não sente as pernas. O rapaz está internado em um hospital particular para a realização de exames mais detalhados. Em nota, a Destaque Promoções, empresa responsável pela organização do evento, lamentou o incidente. "No local do evento o suporte de primeiros socorros foi prestado a quem necessitou. O Corpo de Bombeiros foi acionado e emitirá um laudo em breve. Em todos os eventos que realiza, a Destaque busca a excelência no atendimento, organização e estrutura para seus clientes e mais uma vez lamenta o ocorrido", diz a nota.

Fotos: Reprodução

Cerca de 30 pessoas sofreram ferimentos após camarote ceder durante show. Organização do evento tinha Habite-se

Por meio das redes sociais, rapaz conversa com amigo e diz que não sente as pernas

CMYK


Cultura

Segunda-feira

DE QUEM É A CULPA DO ACIDENTE NO CIRCO DA FOLIA? NA

NOITE DE SÁBADO PASSADO, PARTE DA ESTRUTURA DO CAMAROTE CEDEU;

VÁRIAS PESSOAS SE MACHUCARAM E TIVERAM PREJUÍZOS PSICOS E MATERIAIS CONRADO CARLOS EDITOR DE CULTURA

Acredito que boa parte dos leitores do Jornal de Hoje souberam que no sábado passado (18), parte da estrutura do camarote do Circo da Folia, em Pirangi, cedeu. Segundo notícias superficiais, duas pessoas teriam se machucado, uma delas gravemente na medula (neste momento, enquanto você lê esta página, ela está no hospital). Os shows daquela noite foram de Fernando & Sorocaba e Garota Safada. No espaço VIP, ainda teve a banda 5%. O Corpo de Bombeiros confirma que a casa tinha o Habite-se e que tudo estava conforme o Parecer Técnico Nº 004/10, que estabelece obrigações para eventos temporários – como também são classificados camarotes armados poucos dias antes de uma festa. ITEP e Polícia Civil investigam as causas. Muito bem. Conversei com algumas pessoas que estavam no camarote e todas revelaram que o número de acidentados foi bem maior que o divulgado. Gente com pé que-

brado, arranhões pelo corpo, braços torcidos, pertences pedidos ou destruídos (um dos que troquei ideia viu seu celular novinho ser partido ao meio), que pagaram cem reais e ficaram desesperadas quando viram o chão ceder, após o início da chuva que levou todo mundo para a parte coberta do camarote (existia outra que ficava ao ar livre). Eles falaram que a tragédia foi evitada porque a altura era pequena. Mas que, mesmo assim, faltou pouco para algo pior. Pois ao lado do camarote tinha uma vala com cerca de 80 cm de profundidade (a pessoa foi enfática nesta medida). Na hora em que o piso cedeu, abalando toda a estrutura, as colunas do lado direito, tipo uns pilares, ficaram a um palco de distância desse buraco (a pessoa foi enfática nesta medida também), arrastados com o estremecimento assustador. Isso fatalmente traria outro tipo de transtorno para os presentes. Quem me contou esses detalhes foi uma arquiteta que pensa em entrar na justiça para rever, no mínimo, o valor dos dez ingressos desembolsados por ela e sua família, após

a desistência coletiva de continuar a noitada no tradicional point noturno do veraneio. Falei também com o tenente Christiano Couceiro, do departamento de comunicação do Corpo de Bombeiros. Como eu disse no começo, ele confirmou que a Destaque Promoções cumpriu com as exigências da instituição. Só que alertou quanto à impossibilidade dos Bombeiros de fiscalizar se no decorrer da festa houve uma superlotação do espaço, com uma possível venda de entradas acima do previsto, ou se houve falta de controle do limite do número de pessoas no camarote por seguranças e afins. Ele teve a preocupação de relembrar que o carnaval está próximo, o que merece atenção redobrada de organizadores da folia de Momo. O que me causou surpresa, em tudo isso, foi o silêncio de boa parte da imprensa local. Alguns sites deram a notícia de forma tímida, com a reprodução do óbvio (que o piso cedeu) e só. Gente ativa no Twitter e em blogs, sempre bem informada, ficou quietinha, restritos a reproduzir a

curta nota da empresa envolvida. A maioria, nem isso. Custo a acreditar que o comportamento seria o mesmo, caso a bronca tivesse acontecido numa Shock ou com a galera do rock da Ribeira. É um tal de dois pesos e duas medidas que ofende até o leitor mais trouxa. Não quero aqui demonizar a Destaque Promoções, como se a maior empresa de eventos do Estado merecesse um bombardeio de criticas, simplesmente por ter sucesso desde que me entendo de gente que birita. Minha ojeriza ao axé não chega a tanto. Estive duas ou três vezes com Ricardo Bezerra, e tive pessoas em comum com Paulinho Freire, por um tempo. Ambos sempre foram muito educados e solícitos. Mas a questão é que a noite fedeu. Alguém vacilou e coisas saíram errado. Pessoas se machucaram, tiveram filhos adolescentes apavorados com a quase catástrofe. Vários ficaram no prejuízo psico e material. Apurar como foi o escorregão e, sobretudo, punir quem não secou o piso é o único desfecho aceitável.

Natal, 20 de janeiro de 2014

O Jornal de HOJE 9

CURTAS

ccpsilva@hotmail.com Divulgação

MATÉRIA DO JH É CITADA NA ESPANHA Bacana a citação que o poeta Alfredo Pérez Alencart, peruano radicado em Salamanca, Espanha, fez de uma matéria que publiquei aqui no Jornal de Hoje (Meu Íntimo Ateliê, 29/11/2013) sobre o livro Ventos da Tarde, da poetisa e socióloga potiguar Maria Rizolete Fernandes (foto). O comentário de Alencart, feito no site Salamancartv (um combo de profissionais que mantém uma tevê e uma rádio na net, uma agência de comunicação e uma produtora de vídeo), está no blog (conradocarlos.jornaldehoje.com.br). Ele também é membro correspondente do Pen Club Brasil, colunista do jornal El Norte de Castilla e da edição regional de La Razón, além de escrever para as publicações digitais Crear en Salamanca, Protestante Digital. PEÇA A peça de teatro interativa, a “Casa do Julgamento”, que trabalha com temáticas voltadas às questões sociais, se apresenta em Natal pela primeira vez no período de 22 a 25 de janeiro, no Ginásio Nélio Dias, na Zona Norte. Neste ano, o tema abordará a associação entre bebidas alcoólicas e trânsito e suas diversas consequências para a sociedade. Com cerca de 300 voluntários, entre atores, figurino, maquiagem, cenário, recepção e cadastro, cantina, a peça propõe uma reflexão sobre as diversas problemáticas sociais e humanas, utilizando o teatro como fonte de inspiração para aliviar agruras cotidianas. O horário, nos dias 22 a 24, será às 19 horas e, no dia 25, às 17 horas. PETER PAN A Zahar Editores lançou uma edição Bolso de Luxo do clássico infantil. Com texto integral de J. M. Barrie (1860-1937), a editora põe no mercado uma bonita versão com a história da família Darling e dos habitantes da Terra do Nunca, Peter Pan, os meninos perdidos, Sininho, o Capitão Gancho e seus piratas, que une gerações com suas aventuras, voos, piratas, lutas com crocodilos, dilemas existenciais, amores complicados, personalidade ambígua e a misteriosa do protagonista. Indicado para todas as idades. PEDÓFILO AMAZONENSE Quem viu a edição de ontem do Fantástico ficou estarrecido com a reportagem que mostrou diversas acusações contra o prefeito de Coari, Adail Pinheiro (PRP). Segundo as próprias meninas envolvidas, ele criou uma rede doentia para abusar sexualmente de seres com dez, doze, quinze anos. Várias autoridades garantiram ter provas irrefutáveis dos crimes absurdos. Se confirmados, a turma da Justiça que fez vista grossa para as denúncias, que chegaram anos atrás, também deve ser condenada. Todo caso de pedofilia, por se tratar de uma anomalia mental, deveria justificar, no mínimo, uma prisão perpétua. ALICE NO PAÍS DO NATAL SHOPPING Segue a programação do Natal Shopping com o personagem de Lewis Carroll. Até 13 de fevereiro, a praça de eventos do Natal Shopping estará decorada e oferecerá atividades inspiradas na famosa história. O acesso é gratuito e as crianças podem participar da confecção de bombons de chocolate e de oficinas de pintura - além de brincar nas xícaras giratórias e no labirinto. Elas ainda vão poder jogar boliche de cartas e Gatebol (espécie de jogo com mini taco) com a Rainha de Copas. O horário de funcionamento é das 10h às 22h (segunda a sábado) e 11h às 21h (domingo). CADAFALSO POTIGUARA “Pegue! Eu não disse que ia fazer?”, deve gargalhar a governadora Rosalba com os mais íntimos, nas horas que antecedem a inauguração da Arena das Dunas. Por cima de pau e pedra, mas fez. Elogiada por Jürgen Klinsmann, Aldo Rebelo e lamentada por qualquer pessoa com dois neurônios em dia ou ciente do que tem acontecido neste pedaço de chão miserável, chamado Rio Grande do Norte, a nova praça esportiva potiguar é o emblema de um povo que embarcou numa viagem psicodélica, cheia de duendes, unicórnios e minotauros. Canindé Soares

CMYK


10 O Jornal de HOJE

Natal, 20 de janeiro de 2014

Cidade

Segunda-feira

Daniel Morais / Portal BO

O Instituto Técnico-Científico de Polícia (Itep) registrou 10 homicídios em todo o Rio Grande do Norte durante o fim de semana. Foram oito casos registrados em Natal e região metropolitana, e dois assassinatos na região oeste do estado. Desses, quatro ocorreram na noite de ontem, apenas na capital. No final da manhã de hoje aconteceu mais um homicídio, desta vez na zona sul natalense. César da Silva Melo, de 29 anos, era um corretor de imóveis e morreu após ser atingido por vários tiros disparos por dois homens que estavam no estacionamento do prédio em que ele morava, no conjunto Ponta Negra. César estava com a mulher e o filho quando dois indivíduos os abordaram e efetuaram os tiros. Os homens também atiraram contra a mulher e o filho do corretor, mas ela conseguiu fugir e levar a criança. A PM não tem informações sobre o que teria motivado o crime. Já na noite de ontem, um vigilante de uma empresa de segurança foi executado na Avenida Rodrigues Alves, em Tirol. Israelthon Carlos de Solto Cunha, de 29 anos, voltava para casa dirigindo um veículo Pálio, quando parou no sinal e foi alvejado na cabeça. De acordo com a Polícia, dois homens em uma moto foram os autores do crime. Israelthon morreu antes de ser socorrido. A informação é que o vigilante trabalhava no Hospital São Lucas e foi seguido pelos assassinos desde a saída da unidade. Ao parar o veículo no sinal da Rua Alberto Maranhão acabou sendo atacado pelos bandidos, que fugiram em seguida, sem levar nada da vítima. O segundo assassinato da violenta noite de domingo em Natal foi com um comerciante de 37 anos, morto a tiros na rua Coronel Coelho, no Bom Pastor, zona Oeste. Jaílton Nunes da Silva conversava com amigos quando homens em duas motos se aproximaram e iniciaram um sequência de tiros em direção a vítima. O comerciante ainda tentou correr, mas foi alcan-

Israelthon Carlos de Souto Cunha era vigilante e foi surpreendido pelos bandidos pouco depois de deixar o trabalho no Tirol

NOITE DE DOMINGO TEVE QUATRO ASSASSINATOS APENAS EM NATAL

MAIS UMA EXECUÇÃO FOI REGISTRADA NA MANHÃ DE HOJE PELO ITEP NO BAIRRO DE PONTA NEGRA çado e atingido nas costas e na cabeça. A Polícia suspeita que a vítima possa ter sido morta por delatar a ação de traficantes da área. Diligências foram feitas mas nenhum suspeito foi preso. Outro crime na noite de ontem aconteceu no conjunto Santa Catarina, Zona Norte de Natal. Um travesti, identificado como Alexandre Nascimento de Araújo, de 22 anos, conhecido pelo apelido de Cristal, foi alvejado por um homem que estava em uma motocicleta. De acordo com informações repassadas por populares para a Polícia, Cristal estava em uma esquina juntamente

com outro travesti, que conseguiu fugir do local. A quarta vítima fatal desta noite de domingo em Natal foi Flávio da

Silva Júnior, morto no bairro de Felipe Camarão, na rua Padre Cícero. Em Apodi, região oeste do estado, Francisco Geovane Gonçal-

ves de Morais, de 32 anos, mas conhecido por Junior Cigano, estava na calçada de uma residência, quando dois homens se aproximaram em

uma motocicleta e um deles atirou várias vezes.A vítima chegou a ser socorrida, mas não resistiu aos ferimentos.

Morre homem que usou menino como escudo José Carlos Lopes Jerônimo, 18 anos, que usou um menino de dez anos como escudo durante tiroteio na cidade de Macaíba, em dezembro do ano passado, foi encontrado morto dentro da cela do Centro de Detenção Provisória da Zona Norte de Natal, na noite do último sábado (19). A Polícia Civil vai

investigar o caso, que tem as hipóteses de suicídio e assassinato. De acordo com o boletim de ocorrência registrado na delegacia de plantão da Zona Norte, José Carlos teria se enforcado usando uma corda feita de lençóis. A hipótese de assassinato também poderá ser considerada pela investiga-

ção da Polícia Civil, uma vez que a vítima dividia a cela com outro detento. Em 12 de dezembro do ano passado, José Carlos Lopes Jerônimo se envolveu em um tiroteio e usou Cleiton Osório Mendes dos Santos, 10 anos, como escudo. A criança acabou sofrendo três tiros

e morreu em via pública. O bandido acabou detido e autuado por homicídio. O caso gerou muita revolta na cidade, motivando uma série de protestos pelas ruas em cobrança ao aumento do policiamento na cidade, que em 2013 registrou mais de 100 mortes violentas.

> RESPOSTA

Governo: comparação entre presídios do RN e Maranhão “não procede” O Governo do Estado divulgou uma nota de esclarecimento em resposta a reportagem publicada pela Época desta semana, que fazia uma comparação entre o sistema carcerário potiguar e maranhense. A Secretaria Estadual de Justiça e Cidadania (Sejuc) afirmou que as relações entre as estatísticas dos sistemas carcerários do Rio Grande do Norte e o do Maranhão, feitos pela revista, "não procedem". A nota explica que há diferença entre o número de homicídios no ano passado entre os dois presídios. "Enquanto ao longo de 2013 aconteceram 66 mortes no presídio de Pedrinhas, em todo o sistema penitenciário do Rio Grande do Norte aconteceu apenas uma na Penitenciária Estadual de Alcaçuz, que está há 16 meses sem registrar fugas", afirmou a Sejuc. Com relação ao número de agentes penitenciários, o Governo do Estado esclarece que enquanto "o Maranhão tem uma média de um policial para cerca de 850 habitantes, o Rio Grande do Norte tem uma média de um para cerca de 350 habitantes". Segundo a publicação da Época, o presídio tem 800 presos,

em um local onde caberiam apenas 600, com proteção de apenas oito agentes penitenciários. A Época registrou ainda a solicitação de entrada ao interior do presídio, e que esse acesso foi negado por ordem superior. Com relação a esse fato, o governo respondeu que "não procede a informação de que houve uma ordem política para impedir a entrada da equipe de reportagem da revista no presídio de Alcaçuz. Acompanhado da assessoria de imprensa da Sejuc, o jornalista Hudson Correia, inclusive, almoçou no refeitório da referida unidade na última quinta-feira (16)". A resposta do governo explica ainda que foi entregue à Época um relatório contendo as medidas adotas pelo Governo do Estado para melhoria do sistema prisional do Rio Grande do Norte. "Estão no relatório principalmente a construção de dois novos presídios nos municípios de Ceará Mirim e Mossoró somando 1.200 novas vagas, além do Centro de Detencão Provisória de Parelhas com 80 vagas, a reforma e ampliação em curso da Penitenciária Estadual do Seridó, em

DIvulgação

Matéria da Época em circulação desde o último sábado aponta o RN como possível foco de problemas nos presídios Caicó, com 80 vagas, e a construção de um prédio em Natal, que vai gerar 300 novas vagas no regime semi-aberto. Também, em curso, estão a reforma da unidade de Pau dos Ferros e do Complexo João Chaves, em Natal, resultando 320 novas vagas", rebateu.

> ESTRADAS PERIGOSAS

O Governo do Estado registrou ainda que durante a construção do estádio Arena das Dunas, "foi determinado o emprego de mão de obra carcerária, o que resultou num reconhecimento público do Tribunal de Justiça do Estado à essa iniciativa do Executivo. Em todo o país,

a construção da Arena das Dunas foi a obra, entre todas as doze arenas, que mais empregou apenados". No final da nota, o Estado reconhece a deficiência no sistema prisional, mas que todos os projetos para a melhoria da segurança serão batalhados junto ao Governo Federal.

"Há problemas estruturais no sistema carcerário, que necessita de duas mil novas vagas, o que representam cerca de 1% do número de vagas necessárias em todo Brasil, mas temos empregado todos os esforços junto ao Governo Federal para executar todos os projetos", finalizou. ÉPOCA A revista Época publicou matéria de quatro páginas e com direito a destaque na capa, fazendo uma comparação entre Alcaçuz, o maior presídio do Rio Grande do Norte, com o de Pedrinhas, em São Luís (MA). E vai além, dizendo que o RN pode vir a se transformar no novo caos do sistema carcerário brasileiro. A matéria relembra a visita do ministro Joaquim Barbosa, presidente do Supremo Tribunal Federal (STF) ao Rio Grande do Norte no ano passado, quando veio fazer uma inspeção nos presídios do Estado. Um novo relatório do CNJ, obtido pela Época, referente a uma vistoria feita em dezembro, acrescentou novos dados sobre o problema no sistema prisional potiguar.

> APÓS NOTÍCIA NACIONAL...

Seis mortos em acidentes de Presos fazem motim em antigo trânsito neste fim de semana pavilhão do Presídio de Alcaçuz Acidentes de trânsito no Rio Grande do Norte registram seis vítimas fatais, neste fim de semana. Na tarde de ontem um acidente envolveu um Gol e um caminhão, na BR-406, em Guamaré, a 165 quilômetros de Natal. Foram três mortos e um ferido em estado grave, todos da mesma família. As vítimas foram identificadas por João Victor Santos, de 4 anos, Josevânia Matias da Silva, de 29 anos, e José Antônio dos Santos, 34 anos. A família estava em um Gol com placas MMP-2011, de Natal, com outro filho, que foi socorrido para o pronto-socorro Clóvis Sari-

nho. não há notícias sobre o estado clínico da criança. Segundo informações da Polícia Militar o caminhão seguia no sentido Natal-Guamaré quando o motorista do Gol tentava fazer um retorno na rodovia para seguir em direção ao distrito de Baixa do Meio. Após um dos dois avançar a preferencial, ocorreu o acidente. O motorista do caminhão fugiu sem prestar socorro. Outro acidente aconteceu na RN093, na madrugada de ontem, próximo a cidade de Passa e Fica, na região agreste do estado. Uma moto ocupada por um casal colidiu com um

caminhão carregado de mármore. De acordo com populares duas motos brincavam na pista quando uma delas perdeu o controle e bateu de frente com o caminhão. As vítimas foram identificadas como José Oliveira dos Santos, 52 anos, e Vitoria Arlete de Oliveira Trindade, 36 anos. O motorista do caminhão fugiu do local. A Polícia Rodoviária Estadual realizou mais uma operação da Lei Seca. Foram 70 habilitações apreendidas e 11 pessoas presas por embriaguez ao volante. A barreira policial foi montada na Rota do Sol, em frente ao condomínio Alphaville, em Pium.

Detentos do Presídio Estadual Rogério Coutinho Madruga, o antigo pavilhão cinco, do Presídio Estadual de Alcaçuz, em Nísia Floresta, realizaram na manhã de hoje um motim. Entre as exigências dos presos está a diminuição no rigor das revistas dentro do pavilhão e durante as visitas, entre outras. Durante a confusão participaram aproximadamente 360 presos, que batiam fortemente contra a grade e gritavam exigindo as regalias. "Eles pedem banho de sol e água o dia inteiro, além da liberação de ventilador, tele-

visão, cigarro e isso tudo é impossível, pois facilita a entrada de drogas, armas e celulares", afirmou o diretor da unidade Osvaldo Júnior. De acordo com o diretor, desde a última quinta-feira (16) os presos pedem menos rigor nas revistas. "Isso é um abuso, eles querem menos rigor nas revistas, e facilitar a entrada de artigos ilegais", afirmou o diretor. Os detentos foram retirados das celas e revistados. Também foram identificados 12 líderes, que serão transferidos da unidade. "Já conseguimos identificar

as lideranças e estamos tratando da remoção deles para outras unidades prisionais. Apenas uma cela foi parcialmente danificada, mas não há perigo de fuga". No final da manhã de hoje, a situação já havia sido controlada e o motim encerrado. O princípio de rebelião ocorreu exatamente após a revista Época noticiar os problemas do sistema prisional potiguar (ver matéria acima), inclusive comparando o presídio de Alcaçuz com o de Pedrinhas, no Maranhão, alvo de diversas notícias da imprensa nacional devido sua situação caótica.


Cidade

Segunda-feira

Natal, 20 de janeiro de 2014

O Jornal de HOJE 11

edadC i

Alex Medeiros alex.medeiros1959@uol.com.br

TÊTE-À-TÊTE Sem estardalhaços e sem fotos tipo selfie foi o encontro de Fernando Bezerra (PMDB) e Wilma de Faria (PSB), sábado, na praia de Jacumã. Conversaram durante 3 horas sobre a chapa para governador e senador, onde os dois poderão ser os protagonistas. NEM TANTO A analogia feita pelo jornalista e deputado Agnelo Alves (PDT) entre as condições políticas atuais de Henrique Alves e o seu pai, Aluizio, em 1960, não foram tão bem recebidas em setores da oligarquia. Porque Aluizio quebrou paradigmas e com 38 anos.

DiCaprio na festa do PGA 2014 Todo veraneio em Natal parece ser a mesma coisa. Há uma cultura da pegadinha para envolver jornalistas, políticos e bacanas. Os boatos brotam como alevinos nos parrachos e ganham conotação de verdade na mídia ou nas rodas de restaurantes da capital. Todo ano, alguém decide lançar um quixó para envolver a imprensa, ou parte dela. Houve um verão em que divulgaram a presença de Stéphanie de Mônaco numa singela pousada de Pipa. E por várias vezes espertalhões e golpistas se passaram por filhos de milionários, explorando a ingenuidade da aldeia. Em uma outra temporada, a brincadeira ficou mais quente com vários dias de cobertura para as supostas férias de Mick Jagger na praia de Jacumã. Até máscaras do ícone do rock apareceram no carnaval de Muriú e Porto Mirim. O caso remeteu a uma grande farsa que pegou dezenas de fãs dos Rolling Stones, no princípio dos anos 80, quando faixas de rua anunciaram a banda inglesa num show no pequeno estádio Juvenal Lamartine. Mas, era apenas (e nem foi) um ex-integrante sem fama. Agora, ou mais precisamente ontem, alguém

jogou no Instagram, a rede social de fotografias, um grupo de gringos num bar de Pipa e espalhou que um dos caras era o ator Leonardo DiCaprio, que se prepara para vencer o Oscar pelo filme "O Lobo de Wall Street". A imagem circulou na rede e em alguns blogues no mesmo instante em que o astro de Hollywood chegava num impecável paletó ao Beverly Hilton Hotel para prestigiar os produtores do filme na edição 2014 do Producers Guild of America Awards, prêmio específico para as produções do cinema. DiCaprio foi ao local para assistir a cerimônia e torcer pelos amigos Riza Aziz, Emma Koskoff e Joey McFarland, responsáveis pela produção de "O Lobo de Wall Street". O trio perdeu a parada para os concorrentes, “Gravidade” e “12 Anos de Escravidão”. Os sites de jornais e revistas especializados na sétima arte nos EUA estão hoje repletos de notícias da grande festa na Califórnia; as páginas dos fãs do ator no Facebook também; todos com Leo atraindo as luzes das câmeras. Bem longe dos botecos das vielas da lisérgica Praia da Pipa. (AM)

ENTREVISTAS As entrevistas de Agnelo Alves e de Fátima Bezerra agitaram os alpendres do veraneio. Ele por colocar o sobrinho Henrique como a melhor opção para governador, ela por ameaçar o PMDB de compor chapa com "outros parceiros" na indicação ao Senado. PT VS PMDB O discurso de Fátima de que a candidatura ao Senado é missão partidária e não desejo pessoal, não tem a menor importância para o PMDB, que nem por sonho imagina perder a maioria da bancada

de senadores para o PT. Mais que ninguém, Henrique sabe disso. VAIAS O PT de Natal já prepara os argumentos, como fez noutra vez em São Gonçalo, para as prováveis vaias que manifestantes possam dar em Dilma Rousseff e Rosalba Ciarlini. Vai contabilizar na conta da governadora e tirar a presidente da reta dos apupos. IGUAIS É preciso não esquecer que os dois piores governos estaduais do Brasil, de acordo com as pesquisas de avaliação, são do DEM e do PT, o primeiro aqui no RN e o segundo no Distrito Federal, com Agnelo Queiroz. A rejeição de ambos tem empate técnico. VIOLÊNCIA Uma noite sangrenta no domingo natalense, consagrando os dados da ONG que apontou a cidade como a quarta mais violenta do Brasil. Num espaço de apenas uma hora, quatro pessoas foram executadas em pontos distintos, de Petrópolis à Zona Norte. DESASTRE A queda de parte de um camarote do Circo da Folia pode ser contabilizada como pequeno

estrago (já que não há vítimas fatais) se comparado ao caos que os shows em Pirangi estão impondo ao trânsito da Rota do Sol, com congestionamentos gigantes. ESCÂNDALO O canal ESPN Brasil explodiu uma bomba, ontem, ao revelar um documento oficial da CBF, onde a entidade do futebol brasileiro oferece R$ 4 milhões para a Portuguesa desistir de disputar a série A na vaga do Fluminense e não recorrer à Justiça comum. E O PÚBLICO? Não é fácil conferir qual campeonato tem a pior presença de público nos estádios e a mais baixa audiência televisiva, se a Copa São Paulo de Juniores ou a Copa Nordeste, ambas transmitidas respectivamente pela ESPN e pelo Esporte Interativo. MÁQUINA DE GOL O time inglês do Manchester City chegou ontem à marca de 103 gols na presente temporada, superando de longe os ataques do Real Madrid e Barcelona (os dois com 84 gols), e do Bayern de Munique e Paris Saint-Germain (ambos com 79 gols).

Big Brother, o original

A atriz Kristen Stewart, musa adolescente da saga Crepúsculo, será a protagonista de uma versão livre de "1984", o clássico literário de George Orwell que fala de uma época onde a sociedade é controlada pela figura do Big Brother, líder político e ideológico que governa com técnicas de lavagem cerebral. A obra já foi ao cinema em 1956, com Edmond O'Brien, e em 1984, com Richard Burton.

Danilo Sá jornalistadanilo@hotmail.com / danilo.sa@folha.com.br / Twitter: @DaniloSa

As apostas da Rosa

A COPA É NOSSA

Em tempo: é preciso fazer justiça. Se o Arena das Dunas está concluído e Natal garantida na Copa do Mundo de 2014, é devido a gestão Rosalba Ciarlini. Por pouco, mas muito pouco mesmo, a capital potiguar não foi excluída do mundial. A Fifa, contaminada pela imprensa nacional, não acreditava mais nas condições do RN de construir seu novo estádio. Quebraram a cara.

ESQUISITO

A semana que se inicia é mais uma das decisivas para a governadora Rosalba Ciarlini neste ano de 2014. A inauguração oficial da Arena das Dunas, com a presença da presidente Dilma Rousseff no gramado do novo estádio natalense, terá a força de um canhão em termos de divulgação de sua imagem. Mas, ao mesmo tempo, será difícil minimizar a promessa de protestos do lado de fora do campo. Se conseguir chegar ao próximo sábado, véspera da rodada dupla prevista para o gramado que receberá os jogos da Copa do Mundo, sem maiores arranhões do que os já ostentados por seu governo, a Rosa terá, sim, razões para acreditar em uma possível reviravolta eleitoral. Mas, para isso, também será fundamental o bom trabalho de marketing, atrelando sua imagem a das dunas de concreto. Ao que parece, a estratégia de Rosalba é semelhante a de seus antecessores. Se Agripino ficou marcado como o governador das estradas e Garibaldi Filho, das

águas, Wilma de Faria conseguiu transformar a Ponte Forte/Redinha em realidade. Agora, a democrata trabalha, nitidamente, para ser lembrada para sempre como a gestora da Arena e do futuro Aeroporto de São Gonçalo. Talvez, o plano não dê tão certo porque, ao contrário dos anos passados, está bem mais nítido dessa vez a mão do governo federal nos dois projetos. Mas, pelo menos, é uma estratégia para tirar a Rosa do ostracismo em que se encontra com a esperança de um protagonismo quase impossível para a maioria dos especialistas em política, eleições e pesquisas de opinião. O fato é que apenas o tempo, o senhor da razão, dirá se Rosalba apostou certo em tentar trazer para si as duas conquistas citadas, enquanto a população continua cobrando melhorias esquecidas em questões básicas, como saúde, educação e, hoje principalmente, segurança pública. Justamente, três dos maiores problemas enfrentados no Rio Grande do Norte.

Por falar no governo Rosa, foi estranho a revista Época não ter publicado nenhuma palavra da governadora em resposta a matéria que comparava sua administração com a de Roseana Sarney, no Maranhão. Segundo se fala nos bastidores do Centro Administrativo, o veículo nem procurou Rosalba para saber da sua posição sobre os problemas carcerários do RN.

ATÉ O DOCE

Também ficou feio para a revista nacional o teor do desmentido enviado pelo governo sobre a matéria. O veículo disse que não teve sua entrada no presídio autorizada. Segundo a nota da Secretaria Estadual de Justiça e Cidadania, a equipe da Época teria entrado sim no local, inclusive com direito a almoçar no refeitório da unidade. “Comeu até pudim de sobremesa”, disse uma fonte com livre circulação no presídio.

FORÇAS OCULTAS

Já se sabe agora um dos motivos da demora para o início das obras dos acessos do Aeroporto de São Gonçalo do Amarante. Políticos, com mandato, teriam tentado a todo custo evitar a liberação dos recursos para o governo, inclusive veiculando de forma equivocada que o RN estava com restrições financeiras. A luta é grande.

Gira Mundo Divulgação

A CBF ofereceu um adiantamento de R$ 4 milhões à Portuguesa para que o clube desista das ações judiciais para tentar anular o rebaixamento à Série B e aceitar a queda. É o que diz a ESPN Brasil, em informações veiculadas no programa Sportscenter. Segundo a emissora, o clube recebeu um documento da entidade máxima do futebol brasileiro no qual constam seis cláusulas, oferecendo um acordo para que a Lusa acate a decisão do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD).

Megafone José Aldenir

“Nem de longe [Arena das Dunas] se transformará em ‘elefante branco’” ROSALBA CIARLINI AO CONFIRMAR A CONCLUSÃO DO ESTÁDIO,

NA SEMANA EM QUE OCORRERÁ A SUA INAUGURAÇÃO OFICIAL

CONTA DIFÍCIL

FUTEBOL

CULTURA

GOLEADA

O problema agora é o tempo estabelecido pelo próprio governo para a conclusão dos acessos. Ora, em quase um ano de trabalho, fizeram apenas 25% da pista. Como conseguirão concluir os outros 75% em 10 dias de janeiro, fevereiro e parte de março? E a segunda via, que só tem 7% pronta. Como estará disponível até abril, faltando 93% do projeto? É uma corrida contra o tempo.

O Ginásio Nélio Dias, na zona Norte receberá a partir de quartafeira (22) a peça de teatro interativa “Casa do Julgamento. A obra trabalha temáticas voltadas às questões sociais. Neste ano, o tema abordará a associação entre bebidas alcoólicas e trânsito e as consequências disso para a sociedade. O horário, nos dias 22 a 24, será às 19 horas e, no dia 25, às 17 horas.

A carreira do técnico Wassil Mendes nos clubes do Rio Grande do Norte fala por si, mas é abaixo da crítica o trabalho feito pelo treinador no comando do Alecrim. Após seis meses apenas de treinos e com várias indicações do próprio Wassil, o time verde continua muito mal. Ontem, contra o Palmeira, escapou da derrota por pouco. O pior, é a falta de perspectiva para a melhora. Está difícil.

Por falar em futebol, o América jogou muito ontem na estreia da Copa do Nordeste, contra o Vitória, em pleno Barradão. Os baianos praticamente não viram a cor da bola e enfrentaram um time amplamente superior em quase toda a partida, que terminou em 3 a 0. A equipe natalense volta para a capital com a moral alta para os próximos desafios da competição.


12 O Jornal de HOJE

Cidade

Natal, 20 de janeiro de 2014

Segunda-feira Fotos: Divulgação

Daniela Freire POLÍTICA E SOCIAL - Interina: Taciana Chiquetti - e-mail: tacychiquetti@hotmail.com Estúdio 473

“LEGADO NEGADO” Manifestantes de vários segmentos sociais, especialmente da juventude e sindicais, se preparam para um ato público, durante a inauguração do estádio Arena das Dunas, nesta quarta-feira (22), na presença da presidenta Dilma Rousseff (PT). >>> A movimentação no entorno do equipamento está sendo organizada desde a semana passada. >>> A ideia é demonstrar aos políticos presentes que “o tal do legado da Copa está se tornando negado”, informou o vereador Sandro Pimentel (PSOL), sempre em contato com os manifestantes. >>> Apesar de não haver uma programação definida para o ano, a expectativa é de que várias manifestações ocorram no RN, em 2014, já que eles defendem que o poder público prioriza o evento esportivo em detrimento dos serviços básicos à população. >>> Os manifestantes analisam cada ato realizado e planejam o próximo de acordo com a repercussão obtida.

w

Paulo Oliveira recebe todos os “parabéns”, beijos e abraços, nesta segunda-feira (20), em seu ano que está só começando Militão Chaves e Marísio Neto na inauguração do novo restaurante healthy food em Petrópolis, o Fio de Azeite Déborah Kaline

LUTO NA BAÍA DOS GOLFINHOS Freqüentadores e moradores da praia da Pipa estão revoltados. Neste final de semana, uma lancha atropelou um golfinho na Baía dos Golfinhos. >>> Eles reclamam da negligência da fiscalização em um dos pontos mais visitados de Tibau do Sul, que atrai turistas justamente por causa dos animais. >>> Desrespeito com o meio ambiente!

w

w POBRE LITORAL NORTE No litoral norte, mais uma constatação de abandono. As placas de sinalização estão deterioradas em pleno verão. >>> Uma grande placa do Idema, que informa sobre o início da Área de Proteção Ambiental de Genipabu, está completamente ilegível. w TURISMO RELIGIOSO Depois de constatar como o turismo religioso fomenta esta atividade econômica, em todo o Brasil, a Prefeitura do Natal, através da secretaria de Turismo, terá participação na 1ª Feira de Turismo Religioso – Expotour Católica. >>> O evento é uma promoção da Prodevtur e tem o apoio da cúpula católica do Estado. >>> O lançamento da feira, que deve acontecer na primeira quinzena de novembro, será nesta quarta-feira (22), às 9h, no auditório da CDL, em Natal.

CONSUMIDORES NA COPA Os direitos e deveres do consumidor local, nacional e internacional na Copa 2014 foram discutidos durante reunião, nesta segunda-feira (20), entre a Secretaria Nacional de Defesa do Consumidor e o Procon-RN. >>> Como resultado do encontro, um diagnóstico dos principais serviços que envolvem o Mundial de Futebol. >>> A elaboração de material educativo aos consumidores turistas em três idiomas (português, espanhol e inglês) também fez parte da pauta.

w

Fotógrafo dos mais queridos de Natal, Canindé Soares recebe mais um título de cidadão, desta vez do município de Parelhas

Arquiteta Marília Bezerra assina o projeto “Vitrine de Verão”, da Artefacto/Home.D. Convidada para montar a vitrine da loja, ela usou e abusou de adornos coloridos para a estação mais quente do ano

Ex-diretor do DNOCS Elias Fernandes (PMDB) foi agraciado com o título de cidadão novacruzense e recebeu a homenagem ao lado de seu filho, deputado Gustavo Fernandes

GIRO PELO TWITTER ...do radialista Jurandy Nóbrega: “Novo estádio Machadão, maior obra privada executada no RN, com o apoio do governo federal. Participação do governo estadual e PMN foi quase zero”. ...do ex-deputado mossoroense Laíre Rosado: “Greve dos anestesiologistas suspende cirurgias eletivas do SUS em todos os hospitais da cidade”. ...do fotógrafo Canindé Soares: “Sabe para que os políticos se juntam? Para tratar da reeleição. Foi sempre assim e assim sempre será: um torcendo que o outro se dê mal”.

ÚLTIMA HORA O TRE-RN informa que 82.715 mil eleitores ainda não fizeram o recadastramento biométrico em Natal. w

>>> Os “atrasadinhos” têm até o próximo dia 7 de maio para procurar o Fórum Eleitoral antes que sejam impedidos de votar nas próximas Eleições. >>> A revisão biométrica na capital do RN terminou há um mês, com 440.307 mil eleitores revisados, o que equivale a 84.19% do eleitorado. w ENCONTRO DO TURISMO Antecipado, em 2014, para o mês de fevereiro, o mais abrangente evento do Turismo potiguar, o 5º Fórum de Turismo do RN, será realizado nos pró-

ximos dias 19 e 20, no Centro de Convenções. >>> O evento contará, nesta edição, com duas atrações paralelas: a 2ª Mostra de Destinos e Produtos do RN e o Encontro de Agentes de Viagem do RN.

...do economista Ricardo Amorim: “No Brasil, quase tudo é caro; só a corrupção é gratuita”. ...do escritor Paulo Coelho: “Senhor, abençoa nossa semana: que possamos reconhecer as bênçãos que estão diante de nós”.

ANO HISTÓRICO A Agência Nacional de Cinema (Ancine) publicou, na semana passada, um informe preliminar, contendo os números do cinema nacional, em 2013. >>> Os dados confirmam o ano passado como um dos melhores para o cinema brasileiro nas duas últimas décadas. >>> Foram 127 longas-metragens lançados - recorde histórico para o cinema nacional –, com 27,8 milhões de espectadores, e gerando R$ 296 milhões. w

CMYK


Cidade

Segunda-feira

Natal, 20 de janeiro de 2014

O Jornal de HOJE 13

Cena Urbana VICENTE SEREJO - serejo@terra.com.br w GRANA - I Fica provado que não falta dinheiro na Prefeitura de Natal para suprir de insulina todos os seus postos de saúde: no carnaval será gasto R$ 1,2 milhão com frevos e furdunços, bandas, blocos e papangus.

w DATA Em maio deste 2014 o jornalista Djair Dantas Pereira de Macedo faria 70 anos. Ele foi, no seu tempo, o talento que minha geração perdeu precocemente e a quem dediquei meu primeiro livreco de crônicas.

w ORA, - II Se o SUS falha há cinco meses e se há diabetes, principalmente em crianças que já nascem condenadas pela doença, é hora então de mandar comprar insulina com base no decreto de calamidade do prefeito.

w PEIXE De Patrícia Abravanel respondendo ao seu pai, Silvio Santos, como foi arranjar um namorado político: 'Caiu na minha rede e eu pesquei'. O deputado Fábio Faria mostra, como peixe, que é bom fisgá-lo.

w ALIÁS - III O secretário Cipriano Maia, da saúde, especialista em Sistema Único de Saúde, é remunerado como servidor graduado para cuidar da vida e não para inventar justificativas ou tentar explicar o inadiável. w PANTIM - I Convenhamos: é sonsa a dúvida exposta pela deputada Márcia Maia quanto ao lugar do PSB na chapa majoritária. Sabe. Só quer com o PMDB; só serve a vaga do Senado e para a sua mãe, Wilma de Faria. w ALIÁS - II Foi também assim há pouco mais de um ano quando esta coluna informou em primeira mão que o PSB indicaria a exgovernadora Wilma de Faria para vice de Carlos Eduardo Alves. E não deu outra coisa. w TÁTICA Pode ser um erro da deputada Fátima Bezerra nacionalizar a decisão da aliança do PT com o PMDB. Impõe um cabresto vertical que não funciona. É o coronelismo político com o nome de entendimento. w JAIME Já está nas livrarias de Natal o livro de Thaisa Mendonça - 'Jaime Hipólito Dantas, um mossoroense de fora'. O menino de Caicó, promotor, estudante no País de Gales e o contista premiado nacionalmente.

DOS CROMOSSOMOS R

evisados os autos e proclamas da história, tal como foi nesses últimos cem anos, e em que pese a justa boa vontade, constata-se, e para grande infortúnio deste povo que é nosso, não mais haver espermatozoides e óvulos que possam, juntos, gerar um líder moderno entre nós. Aqui, no alto destas dunas, no beiço deste rio e deste mar. Casem Tomé e Bebé e sejam eles quais sejam - o rebento não será menos antigo do que todos foram até hoje, por isto estamos condenados à penúria da mesmice. Basta dizer que as duas ou três máquinas familiares que brincam com o nosso futuro discutem até hoje quais deles serão os senadores, os deputados e que tais, enquanto o povo, neste pobre arraial de quase um milhão de almas, se arrancha nas vilas e povoados entre o rio, o mar e os morros, a espera de quem possa retirá-los desse destino atroz a que foram submetidos quando, todos juntos, convictos e poderosos, gritavam nas ruas que tudo seria reconstruído para o avanço desta nova Cartago em ruínas. Nunca fomos uma potência, como a Cartago antiga. Nem dominamos o Mediterrâneo, por onde navegavam todas as ambições e as riquezas do velho mundo. Nem aqui chorou de tristeza um general romano ao vê-la destruída. Choramos nós, os nativos, há quatrocentos anos, desde que os Reis Magos por aqui passaram seguindo a estrela de Belém, levando ouro, incenso e mirra. Foi a nossa primeira e única fortuna dada por mãos livres da ambição e sem as lâminas terríveis da cobiça que viriam depois.

De lá pra cá, creia Senhor Redator, a vida nesta aldeia tem sido de promessas tão vis que quase sempre se transformam em blasfêmias. Se merecemos a chegada nas águas do rio da imagem de Nossa Senhora da Apresentação avisando que nada de mal nos aconteceria, hoje, pobre e podre, esse mesmo rio escorre como um fio de merda, mas cumprindo seu destino glorioso de se abrir em delta, e abraçar o mar. Ali, na ilharga da estrela de pedra e cal da Fortaleza, no encontro das águas doces e salgadas. Nossa glória, pois, ficou no passado, de perto ou de longe. Se antes resistimos aos portugueses, franceses e holandeses, e se não dos amesquinhamos diante de Jacob Rabi, aquele diabo louco, e tantas foram as lutas, agora veio o desânimo a corroer nossas almas antes cheias de destemor. De tudo, nada restou além de um camarão no nome. Só a pobreza de um povo que tem dor sem ter quem cuide das feridas; que sente medo, sem que lhe apascentem a carne; que sofre sem ter quem lhe fale ao coração. E posto que Mateus proclamou, desde a Biblia, há mais de dois mil anos, que a carne é fraca, mas o espírito está sempre preparado, eis a nossa miséria: não há mais esperança a nascer aqui, entre cajueiros, mangueiras e mangabeiras, mesmo entre manguezais. Um filho pródigo que imune ao brilho do níquel e limpo do azinhavre das burras oficiais, venha para erguer o grito de luta em defesa do seu povo, hoje decaído na orfandade dos próprios gemidos. Como se a rendição fosse seu único destino.

w FRASE - I Um leitor desta coluna, de olhar sábio e certeiro, notou que a frase transcrita aqui e citada pelo cônego José Mário de Medeiros não estava acompanhada do seu autor original. E registrou a omissão injusta. w AUTOR - II Na verdade, o cônego por ter citado o autor, empresário norte-americano Harvey Mackay, e o cronista não ouviu. Informa ainda a fonte, que é o autor do livro 'Nadar com os tubarões sem ser comido vivo'. w ALÉM - III Do reparo elegante, o leitor acrescenta que a frase é muito citada pelo padre Roque Schneider, jesuíta gaúcho editor da revista Mensageiro do Coração de Jesus no programa de TV 'Momentos de reflexão'. w PERGUNTA Qual é a homenagem que será prestada à memória de João Machado nos cem anos do seu nascimento, neste 2014, se derrubaram o Machadão que tinha seu nome, sepultando sua presença viva no esporte? w POESIA De Gregório Duvivier em 'Palavras Úmidas', do seu livro 'A partir de amanhã eu juro que a vida vai ser agora: 'Cuidado, meu afeto quando / bêbado transborda / o limite das mãos / e do braço e jorra em palavras / úmidas e beijos na boca / e ao rés da nuca'.

CMYK


14 O Jornal de HOJE

Natal, 20 de janeiro de 2014

Esporte

Segunda-feira

Wellington Rocha

Time alvinegro cedeu empate ao Globo em pleno Frasqueirão

HAJA PACIÊNCIA! ABC

O ABC realizou o seu terceiro compromisso no Campeonato Estadual diante do Globo, ontem, no estádio Frasqueirão, e chegou a sair na frente no placar com um gol do lateral Patrick, mas pouco depois sofreu o empate, gol do zagueiro Mercinho, e ficou no 1 a 1. O terceiro empate seguido na competição deixou o torcedor revoltado. O técnico Roberto Fernandes pediu mais paciência a Frasqueira e disse fará novas mudanças na equipe para o jogo da volta em Ceará-Mirim. “Não é o início de temporada que gostaríamos, mas é um início de temporada que é possível dentro de um planejamento. Colo-

EMPATA MAIS UMA E TÉCNICO PEDE PACIÊNCIA AO TORCEDOR ALVINEGRO

camos uma equipe bastante modificada em campo e estamos nos ajustando. Não é momento para atropelos, e sim, paciência. Estamos dando prioridade à preparação, avaliação e observação de alguns jogadores. Estamos bem conscientes de onde estamos, onde queremos chegar e o caminho que precisamos percorrer”, disse o treinador logo após o término da partida. O comandante abecedista disse que o planejamento continua. “Já adianto que para o próximo jogo vamos voltar a fazer mudanças na equipe, pois é necessário dentro do nosso planejamento. Estamos trabalhando para chegar a conquistas

e precisamos ir por etapas. Estamos bem cientes do que estamos fazendo e vamos chegar lá”. O ABC soma três pontos em três jogos, mesma pontuação dos outros clubes do grupo. O volante Daniel Paulista, que pela primeira vez jogou os 90 minutos, defende o mesmo pensamento do treinador. "Nossa equipe está bastante modificada e estamos sentindo a falta de entrosamento, e o torcedor precisa ter um pouco mais de paciência", comentou o volante. O próximo compromisso do time abecedista está marcado para a quarta-feira (22), novamente contra o Globo, desta vez, no estádio Barrettão, em Ceará-Mirim.

> 3ª RODADA ABC 1 x 1 Globo

> CLASSIFICAÇÃO Clube

PG

J

V

E

D

GP GC SG

A%

GRUPO A

Santa Cruz 0 x 1 Baraúnas

Corintians 2 x 0 Assu

Alecrim 1 x 1 Palmeira

1º ABC

3

3

0

3

0

3

3

0

33,3

2º Alecrim

3

3

0

3

0

3

3

0

33,3

3º Globo

3

3

0

3

0

3

3

0

33,3

4º Palmeira de G.

3

3

0

3

0

3

3

0

33,3

GRUPO B 1º Santa Cruz

6

3

2

0

1

7

1

6

66,7

2º Baraúnas

5

3

1

2

0

1

0

1

55,6

3º Corintians

4

3

1

1

1

2

6

-4

44,4

4º ASSU

1

3

0

1

2

0

3

-3

11,1

> COPA DO NORDESTE

Garotos do São Paulo comandam vitória alvirrubra Com gols dos garotos do São Paulo: Rafinha e Alfredo (2), o América conquistou uma brilhante vitória na estreia da Copa do Nordeste diante da equipe do Vitória-BA, no Estádio Barradão, em Salvador-BA. Em um jogo bastante movimentado, o alvirrubro teve domínio durante a maior parte do tempo e a estrela de Alfredo,

que entrou no lugar de Max ainda no primeiro tempo e garantiu a goleada alvirrubra. O próximo desafio do Mecão será na quinta-feira (23), contra o Sergipe-SE, às 19h15, no estádio Nazarenão, em Goianinha. A vitória americana em pleno Barradão começou a ser construída aos 31 minutos do primeiro

tempo, quando Rafinha, o novo camisa 10 alvirrubro driblou dois marcadores dentro da grande área e com a perna esquerda bateu forte para abrir o placar. O segundo gol americano foi marcado aos 40 minutos com Alfredo, que aproveitou falha da defesa do Vitória, recebeu na entrada da área e chutou com categoria para marcar seu primeiro

gol na Copa do Nordeste. O terceiro gol do América veio aos 17 minutos da etapa final, Alfredo recebeu passe de Adriano Pardal dentro da área e encobriu o goleiro Wilson para marcar o terceiro gol do alvirrubro. O Vitória pouco ameaçou a defesa americana, que estava armada com três zagueiros: Edson Rocha, Adalber-

fabiopachecorn@gmail.com

Divulgação

Nem o mais otimista dos torcedores poderia imaginar uma vitória na estreia da Copa do Nordeste por 3 a 0, diante do rubro-negro baiano em pleno Barradão. Tudo bem que o Vitória é freguês, mas vencer jogando bem e com dois estreantes comendo a bola, ninguém podia apostar. Rafinha e Alfredo, as duas crias do São Paulo, foram os maiores destaques da conquista. Jogador muito inteligente, Rafinha mostrou que sabe tarbalhar na criação e no ataque. Participou de quase todas as jogadas ofensivas e marcou um belo gol de canhota, dando sinais de que poderá fazer a torcida esquecer em breve de Régis. Se o meia não retornar, Leandro Sena já tem um substituto à altura. Já no ataque, quis o destino que Max saísse machucado para a estrela de Alfredo brilhar. O futebol tem dessas coisas e o jovem atacante do Morumbi tomou conta do jogo, mostrando que sabe fazer gols. O garoto se movimenta muito fora da área, sabe explorar os espaços deixados pela defesa e deixou os zagueiros baianos exaustos. Méritos também para Sena que formou o time no 3-5-2, mas em nenhum momento deixou o time recuar. JEJUM O Datatrindade traz uma detalhe interessante. Com empate diante do Globo, o técnico Roberto Fernandes completou sete jogos sem vitória pelo Campeonato Potiguar. Fernandes não vence um jogo pelo Estadual desde o ano passado, quando ainda pelo América, ganhou do Alecrim por 2 a 1, no estádio Nazarenão. Só contra o Potiguar, foram três empates e uma derrota na final do segundo turno e depois na decisão do título.

contra o Vitória lesionados e não participam do jogo contra o Sergipe, na próxima quinta-feira, no estádio Nazarenão. Denner sentiu a parte posterior da coxa, enquanto o atacante lesionou o músculo reto anterior da coxa. Os dois atletas realizam exame de ressonância magnética na tarde de hoje para saber mais detalhes da lesão.

FABINHO A sorte do América é ter um jogador do nível de Fabinho. Cumpriu muito bem a função de lateral-direito, apoiou muito e ainda voltava com velocidade para a recomposição da defesa. Tá jogando muito e pelo jeito deve ser o substituto de Norberto, até que apareça outro.

Fábio Pacheco Velho freguês

to e Cléber, mais Fabinho pelo lado direito. Com a vitória, o América lidera o Grupo A com três pontos e o saldo de gols também três. Em segundo, está o Sergipe com mesmo número de pontos, mas saldo de gols um. Em terceiro, está o Confiança e o Vitória é o lanterna do grupo. Denner e Max deixaram o jogo

RISCO IMINENTE Roberto Fernandes precisa entender que a briga na primeira fase do Estadual não é só pela vaga na Copa do Brasil de 2015, mas também para não cair. Globo, Palmeira e Alecrim estão encarando cada jogo como uma decisão, pois temem um adeus prematuro ao campeonato. Ninguém quer jogar apenas 30 dias no ano. A leitura certa é essa e se o ABC não vencer o próximo jogo em CearáMirim, a pressão ficará insuportável. ARTILHARIA Completada a terceira rodada do Campeonato Estadual, o atacante Fábio Faquinha, do Santa Cruz, segue na artilharia isolada com quatro gols. Rael, do Palmeira de Goianinha e Diego Mipibi, do Alecrim, são os vice-artilheiros, com dois gols cada. Até agora foram marcados 22 gols em 12 jogos, média de 1,83 por partida. VIOLÊNCIA Lamentável as cenas de violência entre as torcidas do Botafogo-PB e Sport pela primeira rodada da Copa do Nordeste. Em obras, o Almeidão abrigou parte das torcidas em uma arquibancada, separadas apenas por um cordão de isolamento, o que facilitou o confronto.

MAIS CARO Com a confirmação de que Neymar custou ao Barcelona 95 milhões de euros, o brasileiro teria sido mais caro que Cristiano Ronaldo, adquirido pelo Real Madrid do Manchester United em 2009, como melhor jogador do mundo pela Fifa, por cerca de 94 milhões de euros.

COPINHA Maior campeão da história da Copinha, com oito conquistas, o Corinthians enfrenta nas semifinais o Fluminense, segundo maior vencedor, com cinco taças. O jogo acontece na próxima quarta-feira. No mesmo dia, o Santos pega o Atlético-MG pela outra semifinal. Os vencedores decidem o título no dia 25 de janeiro, aniversário da cidade de São Paulo, no Pacaembu.


Esporte

Segunda-feira

Natal, 20 de janeiro de 2014

O Jornal de HOJE 15

Divulgação

Proposta do presidente José Maria Marin exige renúncia a Série A

Passe Livre RUBENS LEMOS FILHO - r.lemosfilho@uol.com.br

RELUZ, CASCATA

CBF tenta comprar a Portuguesa E N T I DA D E

OFERECE

Na tentativa de encontrar uma solução para o impasse da Portuguesa e convencer o clube a acatar a decisão do STJD e jogar a Série B de 2014, a CBF apresentou uma proposta de adiantamento de R$ 4 milhões ao clube paulista para aceitar a queda. É o que diz uma matéria da ESPN Brasil, veiculada ontem. O adiantamento seria pago em dez parcelas. A chegada dos documentos causou uma divergência

R$ 4

M I L H Õ E S PA RA C LU B E J O GA R

no Canindé. Parte dos dirigentes recusou, parte não se posicionou e parte quer levar o assunto ao Conselho Deliberativo, fazendo uma discussão pública. De acordo com a emissora, o documento apresentado trata na terceira cláusula: ‘Da antecipação de cota por participação em campeonato. A CBF antecipa à Portuguesa a quantia de R$ 4.000.000,00 (R$ 4 milhões) em

moeda corrente nacional, por conta de sua participação na Série B de 2014, cujo recebimento é, neste ato, por ela confirmado, tendo em vista depósito na conta corrente de titularidade da Portuguesa.' Outra cláusula prevê a confidencialidade sobre o acordo. O acordo proposto pela CBF é para que a Lusa desista de ações nas esferas esportiva e comum. O acordo prevê que o clube aceita a

SÉRIE B

disputa da Série B do Brasileirão em 2014, mas o presidente da Portuguesa, Ilidio Lico, negou qualquer acerto. Quem aciona a Justiça comum estuda a hipótese de entrar com ação judicial contra o Ministério do Esporte. Um grupo de torcedores da Portuguesa articulou um movimento chamado "Todos vamos à luta". Eles argumentam que o artigo 133 do CBJD (Código Brasileiro de Justiça Desportiva), que foi usado para condenar o time do Canindé, foi revogado em 2010 pelo Estatuto do Torcedor, cujo texto é contraditório e hierarquicamente superior. Portanto, a punição à equipe representaria, na ótica do coletivo, uma infração de lei federal.

> ESCÂNDALO

Neymar custou mais caro do que divulgado O jornal espanhol ‘El Mundo' traz uma matéria no dia de hoje sobre as investigações da Justiça local nas contas do Barcelona e que revelam que o clube espanhol omitiu o real valor da contratação de Neymar, do Santos. Os números também confirmam que o atacante custou mais do que o informado publicamente pela diretoria. Oficialmente, o clube catalão afirma ter pagado 57 milhões de euros, porém, a negociação teria sido de 95 milhões de euros, R$ 300 mi. Uma diferença de 38 milhões de euros, mais de R$ 200 milhões. A compra de Neymar é questionada por autoridades na Espanha e também no Brasil, pelo grupo DIS, que detinha 40% dos direitos econômicos do atleta até ele deixar o Santos.A DIS recebeu cerca de R$ 20 milhões pela transferência, o que não representaria nem 10% do que, pelas informações do 'El Mundo', seria o total da venda. A empresa exige na Justiça que os documentos da negociação sejam divulgados.

> FLAMENGO

Diretoria tenta a contratação de Scocco A diretoria rubro-negra está de olho em novos nomes para o ataque e sondou o argentino Scocco, do Internacional. Os cartolas da Gávea voltam a carga para fechar aquela que chamam de maior contratação para a temporada. Sem desistir de Elias, os dirigentes do Flamengo tentarão uma nova rodada de conversas com o Sporting nesta semana para conseguir o retorno do meia, que viu seu vínculo com o time carioca terminar em 31 de dezembro, retornou a Portugal e acompanha uma novela pelo seu futuro. No caso de Scocco, o Internacional já deixou claro algumas vezes que não aceita emprestar o jogador - como o Flamengo deseja e só venderia o atacante. O passe do atleta custa oito milhões de dólares (R$ 18,7 milhões) e o Rubronegro já sinalizou que não desembolsaria este valor.

Tempo é ouro é clichê de algum gerente para fazer ser humano trabalhar mais do que permitem relógio e saúde. Ouvi demais em redação de jornal e confesso: é um lugar onde cabe a frase cretina, porque eram demais as missões, mínimas as condições a ponto de haver disputa por máquina de escrever com teclado incompleto. Hoje mudou. É uma lindeza de modernidade. Tecnologia, internet e o chavão ali, vivo, cutucando quem carrega o piano para a chefia tocar. É saber usar um chip automático e invisível que a vida vai colocando em nossas malícias: a engenhoca imaginária cria um dispositivo que desliga os ouvidos a quem conversa demais e vem com bobagem para socializar. O mala pode falar três anos que estará em monólogo. O tempo no futebol também é uma pedra, agora não tão preciosa. O tempo é dos trogloditas, dos fortões, dos tenistas de chuteiras, dando raquetadas com os pés, dos pernas-de-pau produzidos em escala industrial, conforme repete em sabedoria caiçara meu mestre e amigo médico Robério Seabra de Moura. Já não há espaço nem tempo aos craques. Os eternos meninos que brincam de jogar bola. Que revivem as peladas em campinhos de terra batida ou em duros calçamentos de rua. A molecagem deliciosa do drible, do balançar debochado diante do desprovido de qualidade. Hoje é preciso marcar e marcar e marcar sem vergonha de ser covarde, atentado brutal à canção de Gonzaguinha, que embalou farras homéricas no coro e nos berros de que a vida é bonita e é bonita. Por isso, sempre, cantar e cantar e cantar sem vergonha de ser feliz, que é muito melhor. Admito minha triunfal vindita ao escrever depois de assistir os minutos em que o meia-atacante(antigo ponta-de-lança) Cascata jogou contra o Ex-Vasco na abertura do Campeonato Carioca de 2014. O Cascata, remanescente dos malandros de requebro e fantasia dos campos do Rio Grande do Norte. Cascata foi o último ídolo do ABC e também jogou muita, muita bola pelo América e, claro, já não se movimenta com a eletricidade juvenil, afinal está para completar 32 anos em junho próximo. Cascata foi mandado embora do ABC e também não renovou com o América. Nem ABC nem América dispõem de alguém semelhante ao brilho individual do baiano de toques sensuais e presença inconfundível de um armador, dono de meia-cancha. No futebol atual, dane-se a lição do maior dos organizadores de todos os tempos, Didi, o Míster Futebol ,bicampeão mundial pela seleção brasileira em 1958 e 1962. >>> Didi ensinou, em sua postura etíope e imperial, ao ser contestado por um técnico cujo anonimato é mais do que justo, que o queria correndo atrás dos adversários, suando a camisa de tecido grosso e sufocante do Botafogo. Hoje é qualquer engomadinho metido a vedete usando uniforme perfeitamente adaptado ao clima e à sua limitação terrível de cabeça-de-bagre. O tal técnico reclamou de Didi, criticou a sua lentidão, na lógica a serenidade que dava ao jogo o charme de um desfile de catedráticos e lhe fez o pedido, firmemente respondido: "Quem corre no campo é a bola e se eu sou capaz de fazê-la correr num lançamento de 40 metros que acaba em gol, pra que é que eu vou correr e cansar?". O treinador durou um mês e meio no cargo. Didi seguiu enfiando bolas enfeitiçadas para Garrincha. Os dois mais Nilton Santos, Quarentinha e Amarildo garantiram inúmeros bichos para titulares e reservas de um Botafogo mágico, capaz de contracenar com o Santos de Pelé, Pagão depois Coutinho, Jair Rosa Pinto depois Mengávio, Dorval e Pepe. Esperei Cascata entre os titulares do Boavista. E com a 10, entregue a um canhoto de certa intimidade com a bola, Jéfferson. Logo vi quem escalava o time: o técnico é o ex-supervisor da CBF, Américo Faria, do naipe de Zagallo e Sebastião Lazaroni, personagem de episódios como o corte vingativo de Romário em 1998. Américo Faria tem bigode de vilão de filme da Metro. O jogo, óbvio, ficou parecido com qualquer outro. Identificava-se os times pelas camisas. O padrão de Ex- Vasco x Boavista sem Cascata jogando foi igual a um jogo em Macapá ou Pau dos Ferros. Sem talento, só correria e chutões. Américo Faria botou Cascata quando o Ex-Vasco vencia por 1x0, sabe-se lá por qual piedade da sorte. Cascata entrou e seguiu na preguiça aparente da sua passada lenta que engana quando vem o corte seco, o olhar fatal e o chute certeiro, no canto, gol de empate(1x1) que fez valer o ingresso de quem se dignou a estar em São Januário. Reluz, Cascata. Em cinco, dez, quinze minutos, sua presença vale por semanas de obtusos cumprindo ordens de retranqueiros. Reluz, Cascata, no balanço afro de uma brisa de praia impondo ao futebol o sopro dourado da categoria. UM BANHO DE BOLA O América deu show. De toque de bola. No primeiro tempo, poderia ter enfiado cinco ou seis no Vitória em Salvador. O 3x0 é animador, especialmente pela presença de Rafinha no meio-campo, hábil, e de Alfredo, que foi desconcertante nas duas finalizações. COPA CONSAGRADA A Copa do Nordeste levou muita gente aos estádios. Força da rivalidade regional. Em Salvador, a torcida do Vitória compareceu e assistiu a uma aula de futebol comandada pelo América, técnica e personalidade movendo o time. O América parecia passear, brincar, bater uma gostosa pelada. ABC X GLOBO A torcida do ABC protestou pelo quarto empate em 1x1 do time no início do ano. O discur-

so da formação do time começa a descolar. O ABC montou um elenco fraco. MEMÓRIA Até enfiar 4x1 pela Série B do ano passado, o ABC era freguês do ASA(AL), com quem empatou em casa(0x0) há 33 anos pela Taça de Prata, a Série B em 1981. Público de 3.857 pagantes no Estádio Castelão(Machadão). TIMES ABC: Carlos Augusto; Sílvio, Ticão, Cláudio Oliveira e Joel; Paulinho, Noé Macunaíma e Zezinho Pelé; Juarez(Da Silva), Jonas e Babá(Nilsinho). ASA: Jurandir; Pedrinho, Eliberto, Paulo Roberto(Canhoto) e Cabral; Odair, Beliso e Djalma; Gilmar, Freitas e Marcos. Sílvio do ABC depois se tornou um dos mais completos craques de futebol de salão de Natal, pelo América.


16 O Jornal de HOJE

Natal, 20 de janeiro de 2014

Segunda-feira

CMYK


20012014  
Advertisement
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you