Page 1

Ano XV w NATAL-RN,

Sábado e Domingo

15 E 16 DE SETEMBRO DE 2012 w Nº 4.443

R$1,00

> SUCESSÃO NA RETA FINAL

PMDB reforça campanha de Hermano Morais o vislumbrando a decisão no 2 turno em Natal VICE-PRESIDENTE MICHEL TEMER,

PMDB PRESTIGIAM MOVIMENTAÇÃO EM FAVOR DO CANDIDATO A PREFEITO PEEMEDEBISTA E EM DESAGRAVO AOS ATAQUES DE CARLOS EDUARDO A GARIBALDI FILHO MINISTROS DE

DILMA

E PRESIDENTE NACIONAL DO

POLÍTICA 3 Wellington Rocha

> HORÁRIO ELEITORAL

Micarla pede dez direitos de resposta a Carlos Eduardo POLÍTICA 3

> JOGOS DE AZAR EM NATAL

443 máquinas caça-níqueis e vídeo bingos são destruídos CIDADE 10

> AFTOSA

> SÉRIE B

Revogação da barreira mostra a importância da Festa do Boi

Derrotado em casa, América vê G4 longe; ABC tem jogo decisivo

CIDADE 9

ESPORTE 15

Equipamentos destruídos neste sábado foram apreendidos entre 2000 e 2004 na Região Metropolitana. Algumas peças serão recicladas

> SAÚDE PÚBLICA...

Fotos: José Aldenir

Escala de plantão médico acabou na manhã deste sábado e última criança que estava internada foi transferida para outra unidade de saúde. Mães reclamavam da falta de atendimento, enquanto profissionais faziam protesto

Centro de Referência Infantil Sandra Celeste fechado por falta de pediatra até final do mês

CIDADE 6

Alex Medeiros

Daniela Freire

Vicente Serejo

Rubens Lemos F.

Hemetério Gurgel

Página 11

Página 12

Página 13

Página 16

Página 20

w Edição Especial de Veja revela a corrupção do PT chefiada por Lula.

w Médico relata no Twitter o horror vivido no Hospital Walfredo Gurgel.

w Livros contam em silêncio a história dos dias mortos de um tempo imenso de vida.

w Cony é o último cronista. Que seja lido e homenageado vivo. Obedecido também, na morte.

w Campanha suja em Parnamirim. w Samanaú está ente as únicas dez orgânicas do país.

ESCREVEM ARTIGOS DA EDIÇÃO DE HOJE Públio José Jurandyr Navarro Dalton Melo de Andrade Marco Almeida Emerenciano Newton M. de Albuquerque OPINIÃO - Página 2

INDICADORES: Dólar comercial R$ 2,01 Dólar turismo Dólar/Real

R$ 2,07 R$ 2,01

Euro x real Poupança Taxa Selic

R$ 2,64 0,5% 0,45% 7,5%

EMAIL REDAÇÃO:

jornalismo@jornaldehoje.com.br

ACESSE SITE:

www.jornaldehoje.com.br

SIGA-NOS NO TWITTER:

@jornaldehoje

TOTAL DE PÁGINAS NESTA EDIÇÃO

20 CMYK


2 O Jornal de HOJE

Artigo

Opinião

Natal, 15 e 16 de setembro de 2012

MARCO DE ALMEIDA EMERENCIANO, advogado (malmeme@yahoo.com.br)

Amancio

Sábado e Domingo

Artigo

amancionatal@gmail.com / www.chargistaamancio.blogspot.com

Sob a brisa de Petrópolis e Tirol É bem provável que o relato feito pelo brasileiro naquele encontro acadêmico tenha gerado expectativa no grupo, pois muito mais quiseram saber sobre a velha Natal. É que como havia regressado no tempo para explicar, ainda que rapidamente, o cotidiano da 'Rua Mossoró de ontem', tenha deixado no ar a possibilidade de seguir com o assunto outro dia. Em nova oportunidade, entre um café e outro com vento suave, repetiu ao grupo que o programa dos domingos na pacata cidade era ir ao cinema com a turma, fazer um lanche depois para, em seguida, ir assistir à missa das cinco e meia com Pe. Teobaldo. Passear pela Praça Pedro Velho, em homenagem ao primeiro governador do estado, estava na programação. Tudo isso caminhando sob a brisa dos bairros de Petrópolis e Tirol. Aliás, era comum e prazeroso o deslocamento a pé, conversando. Mas, parece que alguma curiosidade mais havia para contar sobre as sessões de cinema. Lembrou que aconteciam as doze, duas, quatro, seis e oito, já à noite. Naquela época sua turma tinha entre doze e catorze anos e era comum entrar na sessão primeira, a das doze, assistir o filme, e ficar para a das duas. Não precisava comprar novo ingresso, era só não sair. Muitas vezes, esse comportamento se justificava para esperar que as meninas chegassem e, assim, tentar uma paquera. Os cinemas de então eram ponto de encontro. Todos saiam de casa bem arrumados, no capricho. O Rio Grande, na esquina da Av. Deodoro com a rua Assú, tradicional e de fácil acesso. Com suas antigas poltronas em madeira e os assentos forrados com napa vermelha, tinha seu charme. Aos domingos, pela manhã, apresentava uma 'sessão de arte', com 'películas' de vanguarda. As projeções sempre iniciavam com a apresentação de 'O canal cem', uma espécie de documentário de então. O Nordeste, na Cidade Alta, imediações da Praça Padre João Maria, era o único equipado com ar condicionado. O máximo! No Cine Rex, da avenida Rio

Artigo

PÚBLIO JOSÉ, jornalista (publiojose@gmail.com)

Branco, durante a Semana Santa, 'A Paixão de Cristo' e 'Marcelino Pão e Vinho', atraiam grande público. Houve uma época que frequentar as sedes sociais dos clubes fazia parte do cotidiano. As piscinas do América ficavam lotadas durante as manhãs de sol nos fins de semana. Com o advento da 'discoteque', os salões se adornavam com globos e luzes coloridas se covertendo em pista de dança para o novo ritmo musical. De forma frenética, começam a surgir novas opções na 'noite'. Era o tempo das 'boates'. Lembrou a 'La prison', 'Club Set' e 'Calabouço" no centro de turismo; da 'Apple', em 'Ponta Negra', apenas por citar algumas. Para os menores de idade, haviam as matinês. Tudo no final dos anos setenta começo dos oitenta. Todos dançavam ouvindo os 'hits' internacionais. Elementos da música erudita haviam sido incorporados ao rock. Era a última década do período conhecido como 'classic rock'. Não quis deixar de registrar os saudosos carnavais com os blocos de rua. Kuxixo, Bacurinhas, Ressaca, Bakulejo, Saca Rolha, Jardineiros, Meninões e muitos outros. O Jardim da Infância foi pioneiro. Não existia violência, em seu sentir. Passavam o dia entre casa e casa. Eram os famosos 'assaltos', onde os proprietários recebiam a pequena agremiação para comes e bebes. Iam dentro de alegorias feitas em cima de reboques de cana de açúcar, pintadas por um artista local, puxados por um trator. Uma bandinha animava os foliões. Final da tarde, matinê no América e o grande baile à noite. Uma beleza. Foram anos de sucesso e alegria. Lembrou, com muito pesar, um grave acidente em 1984, na subida da avenida Rio Branco, ceifando a visa de dois jovens amigos. Um trauma para a pacata cidade. É bem provável que esse fato tenha contribuído para que o evento começasse a ser repensado. E calou-se. Prometeu, com mais vagar, registrar outros fatos guardados em sua memória.

DALTON MELO DE ANDRADE, professor universitário aposentado (dandrade@supercabo.com.br)

Extraterrestre (II) Gostei do meu papo com o extraterrestre, e que noticiei aqui. Antes do "ciao", me havia dito que, para falar de novo com ele, era só mentalizar esse desejo, que ele voltaria. Telepatia. Foi o que fiz, e ele, para minha surpresa, reapareceu. Explicou: usamos a mente como meio de comunicação há muito tempo. Justifiquei meu chamado. Queria saber o seu nome, se ainda ia demorar por aqui, se haviam outros iguais a ele espalhados por aí, e se tinha alguma novidade. O meu nome, disse, eu aportuguesei para Roberto. Na minha língua, urbesiano, se escreve Rrbrrt. Parecido com Roberto. Vocês teriam dificuldade para pronunciar esse nome e de imediato mostraria que não sou daqui. Roberto é comum. Mas todos lá falam a mesma língua? No começo, não, mas uma delas foi se sobressaindo, a grande maioria a falava e resolvemos unificar; a batizamos de urbesiano. Mais ou menos o que está ocorrendo aqui com o inglês. Acho que você deve fazer uma ideia de como isso facilitou a vida de todos, e como trouxe um grande apoio ao nosso progresso. Vai demorar ainda por aqui? Não sei, respondeu. O meu governo me consultou se ainda gostaria de ficar aqui mais alguns anos. Concordei, pois gosto muito daqui. Continuarei com o meu trabalho, principalmente na América Latina, que vai mal. Alguns países têm tido um retrocesso violento em termos de liberdade, de desrespeito aos cidadãos, de excesso de controle na economia, da tentativa de controlar a imprensa e a mídia em geral, que me preocupa. Se você olha para as últimas decisões na Argentina, do que se passa com a eleição na Venezuela, o que ocorreu no Mercosul, com expulsão do Paraguai e a entrada forçada da Venezuela, sem entrar em muitos outros detalhes sobre o que ocorre na Bolívia, Equador e outros, tudo isso preocupa, e muito. Estou aqui há muito tempo, como já

lhe disse, e confesso minha dificuldade em entender os dirigentes desses países. Nunca vi tanta falta de bom senso, tanta demagogia e irresponsabilidade. Felizmente para vocês, o Brasil tem melhorado, mas tem umas recaídas, como agora nessa confusão com o Paraguai. Aliás, uma grande surpresa para mim, pois contrariou toda a sua história de não intervenção. Espero que seja uma ação isolada e que não venha a se repetir. Por outro lado, essas parcerias com a iniciativa privada recém-anunciadas, são medidas positivas. Oxalá sejam seguidas por outras similares, como racionalização do sistema tributário, das leis trabalhistas, diminuição da burocracia. Causa alento ver como o STF está procedendo nessa história do mensalão. Sinais positivos. Quanto a outros companheiros por aqui, não posso entrar em detalhes. Apenas lhe digo, pois isso é óbvio, que sim, há outros urbesianos. Não exatamente na América Latina, mas em outras partes da Terra. Em lugares complicados, conflituosos. Na Síria, Iraque, Afeganistão, Coréia do Norte, temos até um número maior de companheiros. Esses conflitos todos nos preocupam muito, pois algum louco pode resolver usar armas atômicas, e isso não nos é agradável. E vocês interfeririam se houvesse esse perigo? Isso não lhe posso dizer, pois nem eu mesmo sei. Claro que, na evidência de que tal fato possa ocorrer, não poderíamos ficar impassíveis. Mas, iria depender da ameaça, tamanho e quantidade de armas que pudessem ser usadas. Estamos acompanhando cuidadosamente. Mas, como você sabe, já fazíamos isso quando houve o bombardeio de Hiroshima e Nagasaki, e resolvemos não interferir. Grato por voltar para mais esse papo. Vou tomar a liberdade de lhe chamar de novo. Tudo bem? Sem problema, se estiver por perto apareço logo, se não, demoro um pouco, mas venho lhe ver. Cara legal, esse ET.

Carta MARCELO ALVES Sr. Editor. Alegando suspeição por ser meu amigo há quase 30 anos e sendo eu sabedor que o melhor elogio é na ausência afirmo daqui de longe nessa página dois que é nossa (leitor). "Caro amigo você é: Sinônimo de simplicidade, retrato da ética, instrumento da cultura e notório saber jurídico, inimigo da acomodação, cultivador das boas e sinceras amizades, exemplo da boa convivência e orgulho do MPF do Rio Grande do Norte para os outros estados da Federação." Caro leitor é muito bom para um natalense ultrapassar os limites da cidade,

as divisas do estado e fronteiras do país e ouvir elogios a um conterrâneo como aconteceu comigo recentemente lá no Leblon/RJ nas palavras/assertivas dos amigos cariocas ministros do STF: Marco Aurélio de Melo (grande flamenguista, risos) e Luiz Fux, assim como exministro da Saúde José Gomes Temporão (eterno vice vascaíno, risos). Marcelão, parabéns pelo seu aniversário próxima terça dia 18 e muita saúde para você, Dona Lourdinha, Zé Dias e demais familiares. CID MONTENEGRO EMPRESÁRIO (FLABCID@UOL.COM.BR)

O idoso e o trabalho

Artigo

NEWTON MOUSINHO DE ALBUQUERQUE, oficial-general do Exército Brasileiro (Ref) (newtonmousinho@uol.com.br)

Ética e política, novos rumos? O julgamento do escândalo do "mensalão" no STF e a chamada "CPI do Cachoeira" no Congresso Nacional têm como característica comum uma mistura malcheirosa de políticos notórios, altos funcionários de autarquias federais e empresários, todos eles acusados de corrupção ativa ou passiva, por terem se apoderado de recursos públicos em proveito próprio e de seus grupos, dolos eufemisticamente citados como "malfeitos". Esses episódios da cena pública atual evidenciam ao brasileiro medianamente informado que a relação entre ética e política precisa ser repensada para ser posta em rumos concordantes. Desde Aristóteles sabemos que ética é o conjunto de valores que orientam o comportamento do homem em sociedade para a garantia do bemestar social, valores esses que lhe surgem pela reflexão do que ocorre à sua volta, levando-o ao conceito de certo e errado, de bom e de mau, em termos de comportamento social.

Artigo

A política, como a ética, desde a Antiguidade grega, fundamenta-se na preocupação de indivíduos ou grupos com o bem comum da coletividade em que vivem. As dissonâncias entre ética, eminentemente individual, e política, caracteristicamente de natureza coletiva, decorrem porque política não existe sem choques de interesses de grupos antagônicos que almejam o poder para exercê-la, cada um deles com uma peculiar visão de ética. Nesse choque de interesses, o bem comum como objetivo político deixa de ser fim e se transforma em meio para ganhar o apoio dos eleitores com a exclusiva finalidade de conservar e manter estável esse poder, o que nem sempre ocorre a partir de atitudes éticas. Nicolau Maquiavel (1469-1527), funcionário público e diplomático do governo da cidade-estado de Florença, na Península Itálica, observador arguto e racional do comportamento político de sua época, o descreve em "O Príncipe" como "a verdade

efetiva das coisas" – o que realmente o político deve saber e praticar para se manter no poder, mesmo que isto o conduza a comportamentos antiéticos. O político de hoje – e o nosso RN não é exceção a isso – é julgado pelo sucesso ou fracasso de suas decisões efetivadas, o que torna o seu objetivo último fazer o necessário para alcançar o fim que estabeleceu para si e seu grupo, isto é, o poder político. Lendo Maquiavel nos dias de hoje, verificamos como ele estava certo ao definir que "a ética do político medese pela consecução de seus objetivos". Entretanto, quando o STF procura impor limites ao comportamento de marginais políticos e empresários parte de seus esquemas de poder, poderíamos dizer, com um cauteloso otimismo dependente do resultado dos julgamentos, que novos rumos entre ética e política – desta vez convergentes – podem ocorrer. Já a "CPI do Cachoeira" continua uma imensa interrogação.

JURANDYR NAVARRO, procurador do Estado, aposentado, e presidente do Instituto Histórico e Geográfico do RN

Elêusis e o carro de Apolo Nos verões da Areia Preta costumávamos meus primos, amigos e eu, tomar banho também à tarde. Às vezes, ficávamos n'água até o entardecer. Dali avistávamos o sol poente declinando por trás dos morros, às nossas costas. E, à nossa frente, víamos a sombra que ia cobrindo o mar, a partir da praia, qual cobertor imenso para agasalha-lo à noite. Essa sombra tomava conta das águas à medida que o sol declinava para trás dos morros, cheios de cajueiros. Quem estivesse n'água, naqueles momentos, notava, natural e inversamente, que à medida que aquela sombra se expandia, via, em consequência, que a luz solar se afastava cada vez mais, mar a dentro, em direção ao horizonte visual que une a terra ao céu, ao longe. Colocados na sombra, sentíamos frio, não tendo outro recurso senão voltar à praia ou nadar para dentro do oceano, à procura do calor do sol. Geralmente, nesse dado instante, era que se ouvia Elêusis gritar para todos: ''vamos pegar o sol". De imediato, nadávamos mais e mais, disputando uma corrida louca com aquele carro da luz até ele se evaporar no ar. Retornávamos, em seguida, com o mar todo coberto daquela sombra, qual agasalho gigantesco para aquecê-lo do frio da noite. Tínhamos cerca de doze anos, quando, em casa de tio Carlos, na antiga rua da Estrela, Esmeraldo Siqueira, seu irmão, ali se encontrava, também, a dar aulas de francês aos sobrinhos, nossos primos. Vendo-nos, indagou de tia Aracy, quem éramos. – "Este é filho de Jurandyr e o outro é Elêusis, filho de Jacy," respondeu a dona da casa. – "Elêusis?" interrogou o professor, acrescentando: – "Um nome tão grande para um menino tão pequeno". Naquela hora logo pensamos: ele é pequeno mas vai crescer. Não atinávamos, no momento, o significado da afirmação do dr. Esmeraldo. Aos doze anos, longe estaríamos de saber sobre os Mistérios de Elêusis, mistérios da vida espiritual, santuário da Grécia Antiga, onde os iniciados à purificação, eram levados a um recinto obscuro e no instante da solene revelação era inundado de intensa luz. E que a partir daí estaria assegurado, para eles, a paz no reino das sombras, quando morressem, já que nessa região obscura, tais felizardos alimentavam a esperança de contemplar a luz em que foram banhados no ritual do santuá-

rio eleusino. Eram, assim, tranquilizados quanto ao seu destino além-túmulo. "Três vezes felizes os mortos que, depois de contemplar esses mistérios, forem para o Hades", proferiu Sófocles, um dos maiores trágicos do teatro grego. Elêusis Magnus Lopes Cardoso, nosso primo, sempre foi atraído pela luz. No banho de mar nadava para pegar o sol, o carro de Apolo, como chamavam os antigos. O seu pai, Adriel Lopes, poeta, dera-lhe o nome em homenagem à sua crença da vida espiritual futura, pressagiada naquele templo helênico, que banhava de luminosidade incandescente os iniciados em tais mistérios cabalísticos e sobrenaturais. Na pesca de anzol o fazia com o sol quente e quando apanhava aratu, à noite, nos arrecifes, sempre empunhava o archote de óleo cru. Era, Elêusis, um pescador inteligente. No Colégio Marista, um dia, ele aproveitou o recreio para ir à Capela, cônosco. No seu interior, confidenciou-nos: – "Eu não vim apenas para rezar; mas, e sobretudo, para ver aquela chama vermelha. Não é ela o sinal da presença de Deus?", disse-nos. Tinha outra maneira de orar, fitando a luz das luzes e talvez com ela conversando. Havia nele essa atração pelo brilho, pelo puro, pelo simples. No Orfeon, quando cantava na galera dos Tenores, se colocava sempre na primeira fila. Não seria para cantar fitando aquela tocha reveladora, na nave? Na religião conformou-se com a humildade. Na amizade e no esporte doava o calor da lealdade e da confraternização. Nessas manifestações sociais esse calor era um calor radiante, ou seja, uma chama viva que procurava manter acesa, como a tocha ardente das competições olímpicas gregas ou o fogo sagrado do lar romano, sempre ardentes numa determinação solene, ritual e caprichosa. Elêusis foi um atleta perfeito e completo, tanto pela sua conformação física e destreza exibidas como pela educação esportiva demonstrada. Quando ninguém domava Jahyr, o galo de janeiro, como dizia papai, Elêusis nunca se irritava, portando-se sempre calmo e contemporizador dos ânimos exaltados, naqueles jogos disputados como verdadeiras guerras. Sobressaiu-se em todos os ramos esportivos que praticou. Repartiu com

Miranda, no futebol, a zaga invicta do Marista; com Deusdedith, Waldemar, Jahyr e Viana, no volibol do Centro Esportivo e com Picado e outros no arremesso da pesca. Primava pela simplicidade, a nota forte da sua personalidade marcante, parecendo, às vezes, ingênua, para quem o não conhecesse, por ser destituído da tola vaidade que a tantos ensoberbece. Formado em Economia, aplicava seus estudos na Receita Federal, onde atendia ao contribuinte, com a habitual simplicidade de homem bom, resolvendo os problemas de cada um e nunca deixando ninguém no meio do caminho ou na boca do leão do Imposto de Renda. Estive com ele nos seus últimos dias, conversando imperturbável como se não estivesse tão doente. Falou em Jairo Procópio, seu amigo, que o convidara para trabalhar no Cartório, quando deixasse a Receita. Fazia planos para a sua aposentadoria, já próxima. Não ouvi reclamações de sua parte e o seu pensamento era lúcido. A ele não fora revelado, até aquela noite, a gravidade dá doença. Mas ele a sentia. Traiu-se quando falou sobre a sua familia dizendo tê-la toda encaminhada, sem verter uma lágrima. Nesse momento vi quanto era forte. Sim, era um homem bom. Esta lembrança deixou para toda a comunidade em que conviveu e se fez conhecido e honrado. Lembrança que conforta, em parte, a sua ausência, em viagem tão repentina. Católico praticante, honrou a sua fé até o fim. Este o seu maior galardão, o maior que um homem pode ambicionar. Que é a vida senão o tempo que Deus nos dá para o aprimoramento das virtudes e o fortalecimento da fé? E Elêusis doou toda uma vida por tão nobre causa e tão sublime ideal. Correto com a sua família e correto com o trabalho, sendo o pai compreensivo e o colega leal. Ao se despedir, com os filhos em sua volta, vendo a aflição de Mariene, sua esposa, escreveu, já que não podia mais falar – "Onde você estiver eu estarei". Com a saúde destruída pelo mal incurável, golpeado pelo frio que antecede o transe final, Elêusis deve ter sentido a flama da vida ameaçando apagar-se. Então, o seu espírito abriu o seu par de asas brancas e alçou vôo para pegar o luminoso carro de Apolo, como passageiro do Infinito.

Há tempos uma dramática situação se arrasta indefinidamente sem ter das autoridades e dos profissionais ligados à atividade uma resposta convincente ou alguma providência. Trata-se da questão que envolve o idoso e o mercado de trabalho. Pois, enquanto a Medicina e a Farmacologia trabalham ininterruptamente para alongar o tempo de vida dos mais velhos, deixando-os, portanto, a cada dia em melhores condições de saúde, o mercado de trabalho os estigmatiza e, na maioria das vezes, os pune com o não emprego, a não oportunidade, a não chance. Enfim, com uma rejeição desumana até - certamente "pelo excesso de dias". Este segmento, que agregou ao longo do tempo conhecimento precioso e muita experiência, vem sendo deixado ao relento do processo de tomada de decisões na grande maioria das empresas, sofrendo, com isso, um corte profundo na auto-estima e uma desvalorização constante na renda e no estilo de vida. É hora, então, de se perguntar: existe explicação para isso tudo? Tem explicação para este processo que, mesmo lento, porém de maneira inexorável, vem infelicitando e ceifando vidas de milhares e milhares de pessoas ainda em boas condições de trabalho? Lamentavelmente sim. Num período que abrange os últimos 20 a 25 anos, muitas transformações ocorreram relacionadas ao mercado de trabalho, principalmente no Brasil. Passamos praticamente, até os anos 80, por um regime de reserva de mercado no qual as empresas, na maioria dos casos, não se preocupavam muito a quem vender nem com a qualidade do que produziam. Na realidade, elas tinham muito mais pessoas interessadas em comprar do que a capacidade que elas tinham de produzir e de vender. Era um tempo de economia fechada ao mercado externo e de grande esforço exportador para gerar divisas necessárias ao pagamento da dívida. É bem verdade que o pleno emprego não havia, mas as entradas e saídas de funcionários eram mais lentas, gerando, com isso, um "turn-over" até saudável. Portanto, era natural a permanência dos profissionais durante um longo período nas empresas, com a conseqüente valorização dos mais antigos. Com a abertura dos mercados, no início dos anos 90, a realidade mudou radicalmente. A concorrência aumentou, as empresas nacionais passaram a ter acesso ao "modus operandi" das multinacionais, pelo fluxo internacional que se estabeleceu, e pelo qual tinham de reciclar e treinar rapidamente seus quadros, colocando para fora os que não se adequassem às novas tecnologias, uma febre de renovação varreu as empresas - e aí os mais antigos dançaram. Foram prejudicados não só pela obrigatoriedade rápida de atualização, mas - e principalmente - pela necessidade imediata que surgiu de se economizar nas folhas de pagamento. O negócio, então, era trocar o funcionário mais antigo, portanto mais caro, pelo mais jovem, de exigências salariais mais condizentes com a ocasião e com maior capacidade de aprendizagem da informática e de um novo idioma. Em seguida veio a globalização, sistema pelo qual os países que tinham maior capacidade de produzir mais e melhor a preços mais baixos ganhavam mais e mais mercados. Aí o peso dos custos sobre a folha de salários passou a ser ainda mais preocupante. Essas novas condições de mercado criaram um paradigma ainda mais forte relacionado aos idosos, pelo qual pessoas com idade entre 40 a 50 anos foram taxadas de velhas para muitas das atividades, enquanto as com mais de 50 anos passaram à classificação de idosas e até de ultrapassadas e obsoletas. Na outra ponta da questão, os progressos da ciência vieram acentuar a vida útil dos seres humanos, ampliando assim, cada vez mais, o conteúdo paradoxal dessa realidade. Tem saída para esse difícil contexto? O melhor remédio, para alguns entendidos no assunto, tem sido o de cultivar, no ambiente de trabalho, uma postura que venha aliar a juventude à experiência, empregando jovens e mais velhos de acordo com o direcionamento de mercado adotado por cada empresa. Esse, portanto, é um caminho que tem todas as condições de recuperar a auto-estima das pessoas, além de criar um ambiente de trabalho saudável e motivador. No entanto, se faz necessário, para o atingimento desse objetivo, a quebra de todo e qualquer preconceito. Do contrário, a empresa passa a ser uma cultivadora de paradigmas, se tornando, logicamente, inabilitada para implementação de programa de tal natureza. Pelo que se vê, tudo se resume a colocar um pouco de coração no planejamento e na administração das empresas, sem desgrudar os olhos, é claro, do faturamento. Dará certo? Aí a resposta fica com o tempo.

NOTÍCIAS QUE OS OUTROS PUBLICARÃO AMANHÃ

OJORNALD EHOJE DIRETOR-EDITOR Marcos Aurélio de Sá DIRETOR ADMINISTRATIVO Marcelo Sá DIRETORA DE REDAÇÃO Sylvia Sá

EDITORES Fernanda Souza Juliana Manzano João Ricardo Correia EDITOR DE POLÍTICA Túlio Lemos EDITOR DE ESPORTES

w w w . j o r n a l d e h o j e . c o m . b r Gabriel Negreiros EDITORA DE CULTURA Daniela Pacheco EDITOR RESPONSÁVEL / PORTAL JH Wagner Guerra GERENTE COMERCIAL Karina Mandel

ASSINATURA ANUAL Capital: R$ 210,00 Interior (via ônibus): R$ 250,00 Interior e outros Estados (via correios): valor da assinatura + o custo da postagem EXEMPLAR AVULSO R$ 1,00

ASSINATURA SEMESTRAL Capital: R$ 130,00 Interior (via ônibus): R$ 150,00 Interior e outros Estados (via correios): valor da assinatura + o custo da postagem EDIÇÃO ATRASADA R$ 4,00

O JORNAL DE HOJE se reserva o direito de não aceitar informes e material publicitário que infrijam as leis do país e a ética jornalistica. Informações, comentários e opiniões contidos em artigos assinados não possuem, necessariamente, o endosso da Direção. Só é permitida a reprodução de matérias com prévia autorização escrita e com a citação da fonte em destaque

REDAÇÃO E OFICINAS: Rua Dr. José Gonçalves, 687 - Lagoa Nova | Natal - RN - CEP 59056-570 |Brasil - Telefax: (84) 3211-0070 ramal 214 - Assinaturas: (84) 3221-5058 | jornalismo@jornaldehoje.com.br - www.jornaldehoje.com.br Editado e publicado por RN Gráfica e Editora Ltda. http://www.jornaldehoje.com.br - jornaldehoje@digi.com.br - jornaldehoje@uol.com.br - artigos@jornaldehoje.com.br - administracao@jornaldehoje.com.br - jornalismo@jornaldehoje.com.br - assinaturas@jornaldehoje.com.br - comercial@jornaldehoje.com.br


Política

Sábado e Domingo

Natal, 15 e 16 de setembro de 2012

O Jornal de HOJE 3

Michel Temer, ministros e presidente do PMDB reforçam campanha de Hermano LIDERANÇAS DO PMDB DESAGRAVAM GARIBALDI E PRESTIGIAM CANDIDATO DO PARTIDO, ACREDITANDO NO 2° TURNO Alex Viana Repórter de Política Acúpula nacional do PMDB decidiu prestigiar a campanha de Hermano Morais (PMDB). Neste sábado, o presidente nacional da legenda, senador Valdir Raupp (PMDB/RO), o vice-presidente da República, Michel Temer (PMDB/SP), os ministros de Minas e Energia, Edison Lobão (PMDB-MA), de Assuntos Estratégicos, Moreira Franco (PMDB/RJ), da Previdência Social, Garibaldi Filho (PMDB), além do líder da legenda na Câmara dos Deputados, Henrique Alves, participaram de movimentação de campanha em favor do peemedebista e em desagravo ao ministro da Previdência, o potiguar Garibaldi Filho. O vice-presidente da República, Michel Temer, afirmou que essa é a segunda vez que ele vem a Natal exclusivamente participar da campanha de Hermano Morais. "Na certeza de que, nessas ultima três semanas, Hermano vai crescer muito

Divulgação

e, como haverá segundo turno, esperamos que Hermano tenha sucesso absoluto, como terá", afirmou. Segundo Michel, os eleitores de Natal conhecem Hermano como ele conhece e sabem que o candidato peemedebista tem uma vida pública que o recomenda para a Prefeitura de Natal. "Eu que conheço Hermano e sei que quando ele vencer, quem ganhará será o povo de Natal. Hermano tem uma vida pública que o recomenda para prefeitura", afirmou Temer concluindo: "Hermano terá o apoio nosso, e de Henrique, que vai ser o presidente da Câmara dos Deputados", concluiu. IMPORTÂNCIA O presidente nacional do PMDB, Valdir Raupp, disse que, para o PMDB nacional, a candidatura de Hermano desponta com expectativa muito boa. "Temos mais de 20 dias para campanha, muitas caminhadas, carreatas, passeatas. Acredito que vamos dar uma arrancada até o final do primeiro turno.

Vice-presidente da República, ministros e presidente nacional do PMDB são recebidos por lideranças locais em Natal No segundo turno, zera tudo e será uma nova eleição", aposta. "Tem candidato que não ganhou no primeiro turno por meio ponto e perdeu no segundo turno", avisou.

Segundo Raupp, hoje, dia 15 de setembro, em todo o País, o PMDB homenageia os vinte anos da morte de Ulisses Guimarães, com uma mobilização nacional. E em 2012, se-

gundo Raupp, as perspectivas eleitorais do PMDB são muito boas, inclusive com possibilidade de vencer no primeiro turno em capitais como Rio de Janeiro e Campo

Grande. No segundo turno, as perspectivas são de vitórias também em capitas como Natal, João Pessoa e Belém. "Para o PMDB seria muito importante essa vitória em Natal. O PMDB nacional está em peso e a partir de hoje essa campanha será intensificada". MOVIMENTAÇÃO A cúpula do PMDB chegou por volta das 11h30 ao aeroporto internacional Augusto Severo, de onde se deslocou para o Clube América, onde haveria um ato político em favor da campanha de Hermano Morais. Em seguida, haveria uma carreata abrangendo duas das quatro zonas administrativas de Natal, Leste e Norte. A carreata, intitulada "Gari, meu velho", seria um desagravo às agressões sofridas pelo ministro da Previdência nesta semana. Para ao ministro, contudo, inventaram esse negócio de velhinho sob o seu protesto. "Esse negócio de velho não é comigo, não. Inventaram sob meu protesto", disse ao Jornal de Hoje.

Hermano: “Movimentação fortalece nossa caminhada à Prefeitura de Natal” Para Hermano Morais, a intensa movimentação deste sábado com a presença dos maiores líderes nacionais do PMDB no seu palanque, fortalece sua caminhada rumo à Prefeitura de Natal. "Sinto-me extremamente fortalecido na nossa campanha e con-

vencido do apoio que teremos que será fundamental para administrar Natal a partir de janeiro", destacou. Segundo o candidato do PMDB, a presença dos ministros do partido e do vice-presidente Michel Temer é "uma demon-

stração de apoio político e compromisso administrativo futuro para ajudar Natal a sair desse caos administrativo que hoje está instalado na capital". Já para o líder do PMDB na Câmara dos Deputados, Henrique Alves, a data de hoje, 15 de setem-

bro, será de realização de bandeiraços, caminhadas, passeatas e carreatas em todo o País, em especial em Natal, que foi escolhida para ser prestigiada pelo partido. "Todas as mais de 5.500 cidades do país estão fazendo comícios e bandeiraços", afirmou.

Sobre a carreata, Henrique frisou que será em homenagem às agressões sofridas pelo ministro da Previdência. "Garibaldi sofreu agressão absurda e descabida e é um gesto de solidariedade e de carinho a quem teve um milhão de votos e que nunca esteve tão lú-

cido nas ideias". Henrique concluiu afirmando que a eleição em Natal será decidida no segundo turno. "Não tenho a menor dúvida que as pessoas querem isso. A tendência é de segundo turno. E vamos ganhar", afirmou.

> PREFEITA QUER SE DEFENDER

Micarla entra com dez pedidos de direito de resposta contra Carlos A prefeita de Natal, Micarla de Sousa (PV), ingressou com dez pedidos de direitos de resposta contra o candidato do PDT a prefeito de Natal, Carlos Eduardo Alves, e a coligação "União por Natal". As representações foram protocoladas na 2ª Zona Eleitoral, cujo titular é o juiz José Dantas de Paiva, que deverá julgar nos próximos dias. Advogados da prefeita Micarla de Sousa, André Saraiva e Fábio Saraiva, do escritório do Saraiva Advogados, explicam que o objetivo das representações é conseguir direitos de resposta para que a prefeita se defenda perante as acusações que estão sendo proferidas contra a honra dela no horário de propaganda eleitoral do pedetista. "Criticar o governo é uma coisa, mas criticar textualmente a pessoa é outra coisa. Está se caracterizando ofensas contra a pessoa de Micarla de Sousa, chamada de irresponsável e incompetente", explicam os advogados.

De acordo com os advogados, desde o início do horário eleitoral, Micarla vem sendo atacada, mesmo sem ser parte da disputa municipal. "A prefeita está sendo atacada na sua honra e, diante desse processo calunioso, difamatório e injurioso, está entrando com representações, quando caracterizadas essas ofensas, para responder a esses ataques". Os advogados explicam que Micarla não está processando o exprefeito, mas entrando com pedidos de direito de resposta no horário eleitoral gratuito. "Estão todos para serem analisados desde a semana passada. Pela legislação eleitoral, temos 24 horas para entrar com o pedido de direito de resposta a partir do momento da veiculação. Diariamente surgem ataques e, a cada ataque, entramos com um novo pedido de direito de resposta". DIREITO Segundo os advogados, o direito da prefeita Micarla de Sousa

José Aldenir

Prefeita Micarla de Sousa anunciou apoio ao ex-prefeito, mas quer se defender está assegurado pela Resolução do Tribunal Superior Eleitoral de nº 23.367/2011, artigo 17, que diz que os pedidos de respostas formulados por terceiros, em relação ao que foi veiculado no horário eleitoral gratuito, serão examinados pela Justiça Eleitoral e deverão observar os procedimentos previstos na lei 9504-97 (Lei das

Eleições), naquilo que couber. Entre os textos de Carlos Eduardo considerados injuriosos, caluniosos e difamatórios contra a prefeita, estão "Eu, diferentemente de outros candidatos, nunca apoiei essa administração 'incompetente' e 'irresponsável' que está aí. E você sabe disso, vamos ao trabalho". Um segundo texto protestado

diz que a "população sabe que eu fui perseguido pela administração da prefeita Micarla de Sousa (injúria e difamação). Ela parou com todas as minhas obras, parou Nossa Senhora da Representação, parou a África, parou o Passo da Pátria, fechou o Parque da Cidade, parou o Mercado das Rocas, me perseguindo implacavelmente. Natal sabe disso". Outro texto questionado é "A declaração de voto da prefeita à minha candidatura, é uma jogada 'tão suja' que é por isso que a população, às vezes, rejeita a classe política. Não aceita esse tipo de comportamento tão escuso, porque sabe que isso não contribui para atividade política que deve ser uma atividade que se discute os problemas e as preocupações da população" (Injuria e difamação). Para o advogado André Saraiva, Carlos Eduardo está exorbitando as fronteiras dos dispositivos legais, já que a crítica deveria se restringir à administração. "Em minha

opinião, ele está extrapolando os limites que a lei impõe nesse processo eleitoral, tendo em vista que a sua crítica deveria ser direcionada à gestão administrativa, e não à pessoa da prefeita de Micarla, atingindo inclusive, a sua honra e a sua reputação". Para Fábio Saraiva, enquanto cidadã a prefeita de Natal goza de todos os direitos e pode declarar seu voto a qualquer candidato, não constituindo isso jogo sujo, como afirma o ex-prefeito. "Enquanto cidadã comum, a prefeita goza de todos os seus direitos e pode votar em qualquer um dos candidatos, podendo declarar apoios sem nenhum problema. Até porque ela não é candidata", finalizou. Caso a Justiça eleitoral dê ganho de causa a Micarla, a prefeita poderá utilizar um minuto ou mais de cada programa do prefeito Carlos Eduardo Alves. "Pode aparecer a própria prefeita, ou um artista, ou apenas um locutor", explica André Saraiva.

Túlio Lemos POLÍTICA - tuliolemos.com.br/tuliolemosjh@gmail.com

Um cidadão jogado ao chão do hospital Walfredo Gurgel aguarda atendimento. Enquanto isso, a médica e governadora Rosalba Ciarlini fecha os olhos para a saúde pública e faz visita a uma reforma na rodoviária da Cidade da Esperança. São duas situações que estabelecem qual a prioridade da atual gestão.

Circula pela internet, a montagem bem humorada com Carlos Eduardo e Garibaldi

Mulheres grávidas aguardam atendimento no hospital Santa Catarina, mas a governadora, praticamente no mesmo dia, achou mais importante visitar as obras do estádio Arena das Dunas. Outra situação que revela o estilo da gestão e a prioridade escolhida pela médica que se transformou em governadora do Estado.

Faixa exibida em caminhada de Carlos Eduardo, sinaliza apoio dos Alves


4 O Jornal de HOJE

Natal, 15 e 16 de setembro de 2012

Walter Gomes DE BRASÍLIA - walgom@uol.com.br

É a velha história Sérgio Guerra acusa Dilma Rousseff de usar a máquina do governo para injetar ânimo em candidaturas do PT. O deputado-comandante nacional do PSDB acerta em parte, porque repercute o que é notório. Aliás, não há novidade. O roteiro da campanha em curso segue a rotina histórica da política do país. Nos três planos da República Surrealista dos Trópicos, tem sido assim desde tempos imemoriais. A tentativa de interferir na decisão do eleitor segue o exemplo que vem de cima – do planalto para a planície. O que a Presidente faz na esfera federal, os governadores repetem nos estados e os prefeitos, nos municípios. t t t Nem sempre, porém, essas manobras ganham o selo do sucesso. Em São Paulo, a manobra foi um negócio inspirado na oração franciscana: é dando que se recebe. Lula da Silva, sem capacidade física para a duríssima movimentação de rua, precisava da serelepe Marta Suplicy para a campanha de Fernando Haddad à prefeitura. A senadora, esperta em tantos atos e gestos, demorou a aderir, mas foi rápida na decisão quando Dilma, orientada pelo padrinho-antecessor, ofereceu-lhe o Ministério da Cultura. E veja só, logo um dos patinhos feios da Esplanada. Como não usa gentileza no trato com auxiliares, a senhora chefe do governo convocou Ana Hollanda ao Planalto. Com o sorriso de enfado e os agradecimentos protocolares, a Presidente demitiu a delicada, ingênua e politicamente fraca ministra da Cultura que nomeara em janeiro de 2011. t t t Se na capital paulista o petismo tem esperança de reconquistar o poder, não alimenta ilusões de mantê-lo no Recife, onde governa há 12 anos. Está com grandes dificuldades de preservar o mando em Fortaleza. O seu candidato está em terceiro lugar. O primeiro é do DEM, Moroni Torgan, alvo a ser ultrapassado pelo representante do PSB, Roberto Cláudio, em alta. O petismo também tem dificuldades em outro importante polo de referência do Nordeste – Salvador. Na capital da Bahia, Nelson Pelegrino perde, no momento, por 12 pontos percentuais, para o democrata Antonio Carlos Magalhães, neto. Em Belo Horizonte, caso não ocorra caso superveniente, o prefeito socialista (?) Marcio Lacerda pode reeleger-se no primeiro turno. Derrota Patrus Ananias, um dos melhores quadros, humano e político, do Partido dos Trabalhadores. t t t A única capital brasileira onde o PT lidera a intenção de voto é Goiânia (Centro-Oeste), cidade com 851 mil eleitores. Lá, o prefeito Paulo Garcia deve reeleger-se.

Um novo capítulo Segunda-feira, o Supremo inicia o julgamento de políticos. Entre os réus da Ação Penal 470 – popularizada como Mensalão –, o astro petista José Dirceu (foto), acusado de corrupção ativa. Ele é mineiro de Passa-Quatro. Ao lado dele, o também expresidente nacional do PT, José Genoíno, cearense de Quixeramobim. Eleitos por São Paulo, os dois foram parlamentares de destaque entre os melhores da Câmara.

t t t Foi durante a presidência de Dirceu no Partido dos Trabalhadores que Lula da Silva chegou ao Palácio do Planalto.

LEITURA DINÂMICA t Apesar de não ser novida-

de, choca o enredo da nova e raivosa divisão do clã Alves. E o motivo, que coisa: uma prefeitura falida. t Esquisito, bastante esquisito. Ano passado, aumentaram em quase 70% os valores dos contratos com o governo Rousseff das empreiteiras que participaram do financiamento da campanha do PT em 2010. t O paulista Arlindo Chinaglia passa a liderança do governo na Câmara dos Deputados para Paulo Teixeira, conterrâneo e colega petista. A mudança ocorre pós o desfecho da eleição municipal. t Guido Mantega disse esta manhã que o crescimento da economia – pequeno, saliente-se – não se deve ao aumento de investimentos. O ministro da Fazenda desmistifica o mito

de que o consumo tenha sido a causa. t Já acariciou seu filho, hoje? Pelo menos, conversou com ele? t Dilma Rousseff vai participar de comício da campanha de Fernando Haddad. Ela atende ao pedido pessoal do candidato a prefeito de São Paulo. Foi-lhe oferecida uma agenda alternativa. Decisão na próxima semana. t Até terça-feira. Segunda, você, leitor-eleitor, fica na companhia de Joaquim Pinheiro, jornalista que sabe muito sobre a campanha eleitoral no estado. t Para refletir: “O pessimista queixa-se do vento; o otimista espera que ele mude; o realista ajusta as velas” (William Arthur Ward, pregador e professor estadunidense).

Política

Sábado e Domingo

“Ajudei o servidor de Natal a ter de volta um direito usurpado” VEREADOR RANIERE BARBOSA CONSEGUE VITÓRIA HISTÓRICA PARA O FUNCIONALISMO Os servidores públicos de Natal sofreram um duro golpe por parte da Prefeitura Municipal do Natal, ao se depararem com a publicação do Decreto 9.711/2012, que visava alterar a base de cálculo dos adicionais noturnos dos servidores de Natal, reduzindo-os, em muitos casos, em até 80%. A afirmação é do vereador Raniere Barbosa (PRB), que foi procurado pela presidente licenciada do Sindicato dos Servidores da cidade (SINSENAT), Soraya Godeiro, em busca de apoio para resolver a situação. Segundo Raniere, a Prefeitura cometeu um erro primário e jamais poderia ter publicado o decreto, em função da Lei Complementar nº 119, de 3 de dezembro de 2010, que já estabelece e regulamenta o cálculo dos adicionais noturnos dos servidores de Natal. “O que a Prefeitura fez foi um ato administrativo irregular. Jamais um decreto pode se sobrepor a uma lei. Isso mostra o tamanho do despreparo desta gestão. Trata-se de um erro primário e que precisa ser corrigido imediatamente”, explicou Raniere. O primeiro passo do vereador foi propor uma audiência pública, realizada no último dia 5, diante de uma Casa lotada de servidores insatisfeitos. Mas a solução para o entrave só veio mesmo com a apresentação e a aprovação do projeto de Decreto Legislativo nº 038/2012, de autoria de Raniere, por se tratar de um instrumento regimental e legal com poderes de revogar atos administrativos do Poder Executivo, como Portarias e Decretos. “Eu não poderia me omitir em

Vereador Raniere Barbosa: “Mais uma vez fui contra os interesses do sistema governista para defender o cidadão” mais este caso de injustiça. Mesmo enfrentando uma campanha eleitoral, eu tinha essa obrigação com o servidor. Não posso me calar diante de uma gestão que agora quer governar por decreto. São tão despreparados que infringiram até a Constituição Federal, que assegura que salários não podem ser reduzidos”, completa Raniere. Na última terça-feira, em um dia tenso e de Casa cheia, de parlamentares no plenário e servidores nas galerias, o projeto de Decreto Legislativo de Raniere foi à votação. Primeiro, passou pela votação em plenário o pedido de urgência, sendo aprovado com 14 votos a favor, um contrário (do líder da prefeita, Enildo Alves/DEM) e seis ausências. Por fim, o momento da votação, de

forma nominal, para a sua validação e consequente revogação do Decreto 9.711 do Poder Executivo. Para alívio dos servidores de Natal, o projeto de Raniere foi aprovado com 13 votos a favor, um contrário (novamente Enildo) e sete ausências. Com a aprovação do Decreto Legislativo 038/2012, o do Executivo foi revogado e o adicional noturno dos servidores de Natal voltou a ser calculado com base na Lei Complementar 119/2010, valendo a partir de sua publicação no Diário Oficial do Município. A publicação ocorreu no DOM do dia 12 de setembro. Com a sua promulgação, passou a vigorar como Decreto Legislativo nº 1.092/2012. Ao que parece, a prefeitura persiste no erro, pois até a presente data

ainda não acatou a promulgação do Decreto Legislativo alegando que o mesmo não tem poderes de alterar a base de cálculos da Lei Complementar 119/2010. Raniere esclarece que o Decreto Legislativo é um instrumento de revogação do Decreto do Executivo e por isso tem o mérito de assegurar o cumprimento dos termos estabelecidos na Lei 119 e não de alterá-la. “O sentimento é de dever cumprido. Mais uma vez fui contra os interesses do sistema governista para defender o cidadão. Fico feliz em ter contribuído para devolver ao servidor um direito constituído, usurpado por um ato deliberado de despreparo da atual gestão que, espero, reconheça o erro e não penalize ainda mais o servidor”,finalizou Raniere Barbosa.

> PARNAMIRIM

Maurício Marques recebe o carinho do povo do bairro Nova Esperança O Arrastão 12 – comícios, caminhadas, pronunciamentos e reuniões – do prefeito Maurício Marques, tem contado a cada dia com o apoio popular nas ruas de Parnamirim. Um dos bairros mais beneficiados nas duas últimas administrações – Nova Esperança, antigo Pirangi de Dentro – recebeu nesta sextafeira (14), pela segunda vez nesta campanha, o prefeito de Parnamirim, Maurício Marques (PDT), candidato da coligação Vitória da Continuidade. Maurício caminhou pelas ruas do bairro acompanhado do deputado estadual Agnelo Alves (PDT), considerado o maior prefeito da história do município. Nas ruas, muita alegria e o entusiasmo do povo com as pessoas abraçando o prefeito. Nova Esperança foi um dos bairros mais beneficiados nas últimas administrações e recebeu investimentos nas áreas de educação, saúde, habitação e infra-estrutura, tais como, pavimentação, construção de escola, de creches infantis, praça, casas populares, etc. No bairro também está sendo construída uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA). A dona de casa Creuza Marcolino dos Santos, moradora da rua José Francisco da Silva, abraçou o

Emerson Amaral/Divulgação

Prefeito Maurício Marques: “Nós temos serviço prestado ao povo de Parnamirim” prefeito e afirmou: “É 12, é Maurício e Agnelo, para o bem de Parnamirim”. Segundo ela, Nova Esperança recebeu grandes investimentos da administração. “É por isso que nós queremos continuar com Maurício e Agnelo por mais 4 anos”, destacou. Pedro Francisco da Silva, 78 anos, morador de Monte Castelo, disse que caminha desde o início da

campanha ao lado de Maurício. E justificou: "Por que ele é um bom prefeito; tem o apoio de Agnelo; e é o melhor para Parnamirim". O prefeito Maurício Marques disse que caminhou cerca de 4 quilômetros em Nova Esperança e recebeu uma recepção calorosa do povo, “porque nós temos serviços prestados”. O prefeito fez questão de afirmar: “Enquanto a oposição fala mal do nosso governo, eu não tenho receio de dizer que o Hospital Regional de Parnamirim, que é mantido pelo Governo do Estado, só não fechou suas portas ainda porque a Prefeitura está dando o suporte necessário. Esse é o governo que apóia o candidato do lado de lá, o mesmo candidato que tem o apoio da prefeita que destruiu Natal”.


Política

Sábado e Domingo

Natal, 15 e 16 de setembro de 2012

O Jornal de HOJE 5

DEM investe mais em Mossoró que nas eleições de capitais do Nordeste S ENADOR J OSÉ A GRIPINO CIRO MARQUES REPÓRTER DE POLÍTICA

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) divulgou a segunda prestação de contas dos candidatos de todo o Brasil e O Jornal de Hoje constatou que o pleito em Mossoró é mesmo a prioridade do partido no Rio Grande do Norte. Para a "caixinha" da candidata Cláudia Regina já entraram mais de R$ 1,262 milhão. A Direção Nacional do partido foi a responsável, sozinha, pelo envio de R$ 900 mil, enquanto outras cidades potiguares não receberam um centavo se quer do partido. Porém, o número não é alto apenas para o Rio Grande do Norte. O valor investido em Mossoró foi superior ao disponibilizado pelos democratas para as eleições em capitais nordestinas, como Fortaleza e Maceió. Na capital cearense, o candidato Moroni Torgan recebeu "apenas" R$ 600 mil do Diretório Nacional do partido que tem como presidente nacional o senador potiguar José

PRIVILEGIA A CANDIDATURA MOSSOROENSE EM DETRIMENTO DE OUTRAS CIDADES

Agripino Maia. Em Maceió, Alagoas, Jeferson Morais, também do DEM, recebeu só 200 mil, ou seja, mais de quatro vezes menos que o valor enviado para Mossoró. E vale lembrar que em Mossoró, a candidata do DEM nem mesmo lidera as pesquisas (Larissa Rosado, do PSB, está à frente desde o final do ano passado). Enquanto isso, Moroni, em Fortaleza, é líder nas pesquisas. Em uma delas, divulgadas em agosto, pelo Vox Populi (protocolo CE-00019/2012), o candidato do DEM apareceu com 17%, contra 9% dos dois adversários. Esse investimento em Mossoró também é alto se comparado ao número de eleitores em cada uma das cidades. Na Capital do Oeste, por exemplo, não há nem segundo turno. São apenas 164 mil eleitores para uma verba de R$ 900 mil enviada pelo Diretório Nacional. Enquanto isso, Fortaleza tem quase 1,6 milhão de eleitores, 10 vezes mais que o número de mossoroenses, mas recebeu R$ 300 mil a menos. Em

Divulgação

Candidata do DEM em Mossoró, Cláudia Regina, recebeu mais dinheiro do partido do que grandes capitais do Nordeste Maceió, a situação é semelhante. A cidade tem, aproximadamente, 500 mil eleitores. Proporcionalmente, inclusive, o investimento feito em Mossoró é maior não apenas do que os dessas capitais. Fazendo a média "número de eleitores" pelo "valor repassado"

pelo Diretório Nacional, o DEM aplicou em Mossoró um valor de R$ 5,5 mil por eleitor. Em Recife, para onde o partido do candidato José Mendonça já repassou R$ 1,32 milhão, com pouco mais de 1,1 milhão de eleitores, o valor médio para cada um dos votantes foi de R$ 1,1 mil.

Aracaju, em Sergipe, e Salvador, na Bahia, as outras capitais do Nordeste onde o DEM também tem candidatos a prefeito, a média também é inferior. Em Salvador, inclusive, o candidato Antônio Carlos Magalhães Neto, o chamado ACM Neto (líder nas pesquisas com mais de 20

pontos percentuais de vantagem), recebeu R$ 3,65 milhões, mas a média por eleitor ficou um pouco maior que R$ 2,2 mil (a cidade tem mais de 1,8 milhão de eleitores). Nesta semana, O Jornal de Hoje mostrou que o DEM investe em Mossoró tudo o que não coloca em outras cidades potiguares. Os exemplos de Alto do Rodrigues, com Abelardo Rodrigues, candidato democrata, e Arês, com Bráulio Cunha, foram exemplos disso. Mas não são os únicos que podem ser ressaltados. Em Natal, por exemplo, o DEM está coligado, indicou o vice e apóia o candidato do PSDB, Rogério Marinho, mas não aparece em nenhuma doação de campanha dele. Se a campanha de Cláudia Regina já chegou à casa do milhão arrecadado (limite de gastos previsto pela coligação foi de R$ 2,2 milhões), a deputada estadual Larissa Rosado, do PSB, tem sido bem mais "modesta" na arrecadação. Na "caixinha de campanha" dela, entraram apenas R$ 438,4 mil.

TRE quer cancelamento da candidatura de quem foi indeferido Nada de esperar até um eventual julgamento no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) para anunciar o cancelamento da candidatura daqueles que tiveram o registro indeferido pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE/RN). Com o objetivo de dar celeridade ao processo eleitoral e maior efeito às decisões da Corte Potiguar, o desembagador João Batista Rebouças, novo presidente do TRE, enviou comunicação a todas as zonas eleitorais, determinando aos juízes que, assim que tomem conhecimento das decisões que tenham indeferido o pedido de registro em razão de in-

elegibilidade, declarem o cancelamento do registro de candidatura, atualizando o sistema com a informação da situação do candidato como apto, mas com a variação "indeferido com recurso". Dessa forma, Rebouças dá maior efeito às decisões do TRE, que já indeferiu 251 registros de candidatura, dos 413 que foram enviados para a Corte por meio de recurso. Dos 68 recursos relacionados a prefeito e vice-prefeito, 31 tiveram como resultado o indeferimento do registro e destes, 23 o foram em razão da Lei da Ficha Limpa.

De acordo com DivulgaCand, foram protocolados 8.767 pedidos de registro, dos quais 7.992 foram deferidos nas zonas eleitorais. As condenações já resultaram na retirada dos nomes de Zé Lins, em Currais Novos, Francisco Sales, no Paraná, e José Bruno, em Areia Branca (substituídos por Vilton Cunha, Oriana Rodrigues e Luana Bruno, respectivamente), podem mudar também o panorama em outras eleições pelo Rio Grande do Norte. Em Macau, por exemplo, o Doutor Wilson, do PT, já foi obrigado a deixar de fazer campanha,

assim como Robenilson Ferreira, em Bento Fernandes; Mozaniel Melo, em Guamaré, e Zé Braço, de Ouro Branco. Todos os casos, claro, podem ser revertidos no Tribunal Superior Eleitoral, mas a quase certeza da derrota no TSE, termina provocando a desistência do candidato. CANCELAMENTO O Juiz da 69ª Zona Eleitoral de Natal, José Conrado Filho, cumpriu a determinação unânime do Tribunal Regional Eleitoral e definiu o cancelamento da candidatura a vereador do ex-deputado Wober

Júnior. A decisão é resultado de uma Ação de Impugnação de Registro de Candidatura ajuizada em julho de 2012 pelo Ministério Público Eleitoral. Na Ação o MPE ressalta o processo do Tribunal de Contas do Estado que aponta despesas ilegais realizadas pelo candidato em 2004 quando era Secretário Estadual de Educação, Cultura e Desportos. Inicialmente a Ação foi indeferida, mas após recurso do MP Eleitoral o Tribunal Regional Eleitoral acatou os argumentos do MPE e determinou à unanimidade

o cancelamento da candidatura de Wober Júnior a vereador de Natal. Embora o candidato tenha recorrido ao TSE, na prática, a partir da decisão, ele está proibido de realizar quaisquer atos de campanha, como propaganda, direta ou indireta, em rádio ou televisão, além de qualquer outro ato por meio do qual venha se apresentar como candidato. Além disso, foi ordenada a exclusão imediata de dados do candidato, tanto do sistema de participação do político nos horários eleitorais gratuitos de rádio e televisão quanto do sistema de candidaturas e da urna eletrônica.

> ELEIÇÕES NA GRANDE NATAL

Perfil: Pesquisa espontânea constata empate técnico para prefeito de Macaíba Pesquisa realizada pela Perfil/O JORNAL DE HOJE, realizada nos dias 8 e 9 deste mês, registrada no TRE - Tribunal Regional Eleitora, sob o número RN - 00101/2012, constata empate técnico entre os principais candidatos a prefeito de Macaíba, Marília Dias, do PMDB e Fernando Cunha, do PMN. A pesquisa ouviu 500 pessoas e a margem de erro é de 4,36 por cento. Na pergunta espontânea, quando o entrevistador não cita o nome dos candidatos, Fernando Cunha aparece com 38 por cento, seguido pela prefeita Marília Dias com 33,80 por cento, evidenciando uma diferença de 4,2 pontos percentuais apenas. Neste item o Dr. Menguita aparece com 3,8 por cento, com 1,6 para brancos e nulos e 22,8 de indecisos. Na pergunta estimulada, onde são apresentados aos eleitores os nomes dos candidatos, o quadro ficou o seguinte: Fernando Cunha com 43,20 por cento, Marília Dias com 34,80, indecisos 14 por cento, Dr. Menguita 6,20 e 1,8 de brancos e nulos. Em Macaíba a distância entre a prefeita e o seu principal adversário tem sido reduzida, segundo pesquisas realizadas pela Perfil. A maioria em favor do exprefeito já foi acima de 40 por cento e agora registra empate técnico, de acordo com o diretor do instituto, Fernando Figueiredo. A pesquisa registra também, que a administração da prefeita Marília Dias está

Heracles Dantas

Pesquisa Perfil constatou crescimento da candidatura à reeleição da prefeita Marília Dias bem avaliada com percentual de 60 por cento. De acordo com a Perfil, foram pesquisadas as seguintes área no município de Macaíba: Centro, Mangabeira, Conjunto do IPE, Vilar de Baixo e Vilar de Cima, Conjunto Alfredo Mesquita, Traíras, Campo da Mangueira, Santa Cruz, Cajazeiras/Marias, Cana Brava, Conjunto Alta de Souza, Campinas, Riacho do Sangue, Lagoa das Pedras, Conjunto Tavares de Lira, Capoeiras e Lagoa do Sítio. AVALIAÇÃO A Perfil ouviu também o eleitorado macaibense sobre os governos, Dilma Rousseff e Rosalba

Ciarlini. Na pergunta "O (a) Sr (a) aprova ou desaprova a administração da presidente Dilma", os números foram os seguintes: Aprova (74,40 por cento). Desaprova (7,60 por cento). Não souberam responder (18,00 por cento). No item "O (a) Sr (a) aprova ou desaprova a administração da governadora Rosalba", os números são os seguintes: Aprova (30,00 por cento). Desaprova (59,40 por cento). A população de Macaíba aprova a administração da prefeita Marília Dias. Segundo os dados da Perfil a prefeita tem 55 por cento de aprovação e 37 por cento de desaprovação.

Maurício Cuca

Ex-prefeito Fernando Cunha. Segundo a Perfil, ele estaria empatado tecnicamente com a prefeita


6 O Jornal de HOJE

Natal, 15 e 16 de setembro de 2012

Cidade

Sábado e Domingo

Pronto Atendimento Sandra Celeste é fechado POR

FALTA DE PEDIATRAS, ATENDIMENTO DA UNIDADE DE REFERÊNCIA ESTÁ SUSPENSO ATÉ O PRÓXIMO DIA

ROBERTO CAMPELLO ROBERTO_CAMPELLO1@YAHOO.COM.BR

O Centro de Referência Infantil Dra. Sandra Celeste foi fechado na manhã deste sábado (15) por falta de profissionais. Quem foi ao Sandra Celeste pela manhã, encontrou apenas um cartaz informando que o atendimento pediátrico estava suspenso até o dia 30 de setembro e que os pacientes deveriam buscar atendimento no Hospital Santa Catarina, Hospital Maria Alice Fernandes, ambos na zona Norte, ou no Hospital Monsenhor Walfredo Gurgel. No início da manhã, quando encerrou o último plantão dos pediatras, a última criança que estava internada na unidade foi transferida para o Hospital Maria Alice Fernandes, no conjunto Parque dos Coqueiros. Diante do fechamento da unidade, os profissionais do Sandra Celeste, representante do Sindicato dos Médicos (Sinmed), do Sindicato dos Servidores da Saúde do RN (Sindsaude-RN) e estudantes de Medicina fizeram uma manifestação em defesa da Pediatria do Rio Grande do Norte. Os manifestantes caminharam da unidade de saúde até a rua Raimundo Chaves, em Candelária, quando seguiram em carreata até o Hospital Monsenhor Walfredo Gurgel. Durante a manhã, algumas mães procuraram atendimento no Sandra Celeste. É o caso de Maria Josevânia que estava com a filha Eloisa Pereira Martins com fortes dores no corpo, febre alta e garganta inflamada desde a noite da sexta-feira. Josevânia, que mora na zona Norte, conta que já procurou atendimento no Hospital Maria Alice Fernandes e na UPA do Pajaçara, mas a orientaram a procurar o Sandra Celeste.

"E quando chego aqui está nessa situação. Isso dá revolta e indignação. O jeito será eu procurar atendimento particular, ou vou ver a minha filha morrer", afirmou. O presidente da Sociedade de Pediatria do RN (Sopern), Nivaldo Júnior, que também é pediatra do Sandra Celeste, explicou que a escala dos profissionais concursados que atuam na unidade de saúde encerrou na manhã do sábado, e diante da paralisação dos médicos cooperados da Cooperativa dos Médicos, não há possibilidade de atendimento. No Sandra Celeste trabalham 14 médicos concursados do Município, divididos em 20 e 40 horas. Mas para complementar a escala é necessário, todos os meses, 26 pediatras da Cooperativa. "O Sandra Celeste é tido como um Pronto Atendimento de referência, mas uma criança que precisa de um exame de raio X precisa se deslocar até a UPA do Pajuçara. Como podemos ser referência se não temos nem a atenção básica funcionando?", questionou o pediatra. Nivaldo Júnior conta que já encerrou sua escala de trabalho desde a sextafeira e que chegou a dar 10 plantões consecutivos. O pediatra explica que a caminhada é uma forma de chamar a atenção da população e dos governantes. "Ninguém faz nada e precisamos despertar a atenção de todos, pois as crianças precisam ser respeitadas. Além disso, elas merecem ser atendidas por pediatras, e não por clínico-gerais", afirmou. Ele conta que atualmente o Sandra Celeste funciona com "o básico do básico". "Não existe triagem e nem classificação de risco. Com isso atendemos todos os tipos de patologias, desde as mais simples, que poderiam ser resolvidas nas unidades

básicas de saúde, quanto as de maior complexidade. Mas não temos a menor condição para isso. Não temos guarda municipal 24h, não temos ambulância e nem carros para transferência, e tudo isso atrapalha todo o atendimento", disse. Nivaldo informa que, além disso, faltam medicamentos de média e alta complexidade, tendo, às vezes, que fazer o racionamento de medicamentos. A presidente do Sindsaúde, Sônia Godeiro, que também é pediatra, relatou, com tristeza, o fechamento de unidades pediátricas no RN, nos últimos anos. Ela conta que em 2010, o Governo fechou a enfermaria pediátrica do Hospital Deoclécio Marques, com 23 leitos. Em seguida, reduziram o Pronto Socorro de 12 leitos para 8, o Maria Alice, que hoje atende apenas pacientes referenciados. No Walfredo Gurgel e no Pronto Socorro das Rocas também suspenderam o atendimento pediátrico. "Estamos vivendo um estado de colapso, pois já tem alguns anos que estão fechando várias unidades pediátricas. Apesar das dificuldades, o Sandra Celeste é quem tem segurado as pontas. Vemos tudo isso com muita preocupação e com indignação e a médio prazo, uma completa desassistência. Estamos retrocedendo, pois ao invés de abrirmos novos locais, estamos apenas fechando os que já existem", destacou a sindicalista e pediatra. O presidente do Sindicato dos Médicos do RN, Geraldo Ferreira, que também apóia o movimento em defesa da pediatria, disse que a partir da próxima semana será realizado uma série de visita as unidades de saúde que estão fechadas, para constatar a situação de calamidade que passa a saúde de Natal e do Rio Grande do Norte. "As uni-

> SEM ATENDIMENTO

SMS fecha unidade de saúde do Satélite e remaneja profissionais Diante da paralisação dos serviços dos profissionais da Cooperativa dos Médicos e a suspensão do atendimento em algumas unidades de saúde, a Secretaria Municipal de Saúde adotou uma série de medidas de emergência para amenizar os transtornos causados à população. Uma delas, que trouxe revolta aos moradores e profissionais, foi o fechamento da Unidade Mista de Saúde do Cidade Satélite, com o remanejamento dos técnicos e auxiliares de enfermagens e médicos para o Hospital dos Pescadores. Na manhã deste sábado, moradores do conjunto Cidade Satélite, profissionais que trabalham na unidade, representantes do Sindicato dos Servidores Municipais (Sinsenat) e do Sindicato dos Servidores da Saúde (Sindsaude), se reuniram para discutir as estratégias que tomarão diante do fechamento da unidade. Treze médicos concursados, 32 técnicos de enfermagem e oito enfermeiros que trabalham na unidade foram transferidos para o Hospital dos Pescadores. O funcionário Welson Batista Ferreira criticou a forma arbitrária como os funcionários foram informados sobre o fechamento da unidade e a transferência. "Fomos surpreendidos com a informação às 21h de ontem (sexta-feira) com a decisão. Não fomos ouvidos, apenas obrigados a obedecer. Fechou temporariamente, mas nossa preocupação é que feche definitivamente", desabafou o servidor. Por dia, a Unidade Mista de Cidade Satélite realiza uma média de 450 atendimentos. O aposentado Antônio Bezerra Cavalcanti procurou a unidade de saúde na manhã deste sábado e foi surpreendido com as portas fechadas. Ele, que estava sentindo fortes dores abdominais, se mostrou surpreso e indignado com o fechamento temporário da unidade. "É uma vergonha esse descaso da Prefeitura com a cidade. No passado não era assim. Hoje, morremos de dor e não somos atendidos. Não sei nem onde buscar atendimento. Só fazem isso para prejudicar a população que precisa do serviço, eles não conhecem e nem são atingidos pelo problema", desabafou. Com as mudanças, a partir deste sábado, os pacientes que precisarem dos serviços de pronto-socorro de

José Aldenir

Aposentado procurou atendimento e foi surpreendido com as ‘portas fechadas’ clínica devem procurar o Hospital dos Pescadores, nas Rocas. A unidade receberá provisoriamente profissionais médicos e de enfermagem dos demais postos de atendimento e também na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Pajuçara. Com relação ao pronto-socorro de pediatria, o atendimento será de acolhimento e encaminhamento para outras unidades ambulatoriais, quando for o caso, e nas urgências para os hospitais Maria Alice Fernandes e Walfredo Gurgel. O serviço de assistência materno-infantil estará dividido entre as maternidades das Quintas, na zona oeste, e Leide Morais, zona norte da capital. O parto normal será realizado nestas maternidades, já as cesáreas serão concentradas na unidade das Quintas. Os procedimentos de curetagem e drenagem de abscessos serão realizados na Leide Morais. O presidente do Sindicato dos Profissionais de Enfermagem, Do-

mingos Ferreira, confirmou que a Associação Marca começou a pagar os profissionais que estavam com o salário atrasados desde a última segunda-feira, mas disse que a categoria só voltará ao trabalho quando, pelo menos, 80% dos funcionários tiverem recebido os salários. RETORNO AOS TRABALHOS O Desembargador Aderson Silvino deferiu liminar nesta sexta-feira (14), suspendendo, em caráter provisório, a greve deflagrada pelo Sindicato dos Servidores de Natal (Sinsenat), e determinando o retorno imediato às atividades de todos os servidores públicos municipais, sob pena da aplicação de multa diária equivalente a R$ 10 mil em desfavor do sindicato demandado. O secretário municipal de Segurança Pública e Defesa Social, Carlos Paiva, espera que os servidores retornem imediatamente ao trabalho, pois decisão judicial deve ser cumprida.

30 José Aldenir

Profissionais e estudantes da área da saúde fizeram manifestação em prol da defesa da Pediatria no Rio Grande do Norte dades estão se fechando e o Governo está levando a saúde para o descalabro. Já houve condenação por coisas muito menos graves e

vamos lutar para que a Justiça seja feita aqui também. Hoje, o povo está abandonado à própria sorte, pois o Governo anda esticando a

corda e apostando no conflito. E todo esse descaso só mostra a irresponsabilidade do Governo com a saúde", afirmou.


Economia

Sábado e Domingo

HOJE na Economia MARCOS AURÉLIO DE SÁ

administracao@jornaldehoje.com.br

SYLVIA SÁ - INTERINA Navio Podhale chega ao Porto de Natal com dez mil toneladas de trigo n O navio Podhale, que tem bandeira de Bahamas e traz um carregamento de dez mil toneladas de trigo, destinadas ao Grande Moinho Potiguar, atracou nesta sexta-feira no cais do Porto de Natal. n O navio vem da Argentina, mais especificamente do complexo portuário de Bahía Blanca, cidade que tem o principal porto de grãos do país. n A operação de desembarque está sendo realizada através do portalino, que é o equipamento que retira o trigo dos porões do navio e leva-o, por meio de esteiras, até o Grande Moinho Potiguar, onde passa por uma balança e cai nos silos, local em que fica armazenado, para posteriormente ser usado na fabricação de produtos pelo Grupo M. Dias Branco. n O grupo possui, dentro do Grande Moinho Potiguar, fábricas de biscoito, macarrão e beneficiamento de farinha de trigo. n E neste sábado, também atraca no Porto de Natal o navio de contêiner Platoon, que levará um carregamento de frutas para a Europa. n O período de escoamento da safra começou no dia 24 de agosto e seguirá até 28 de fevereiro. A expectativa é que aumente em 200% a movimentação do porto em relação ao mesmo período do ano passado. Animais do RN são campeões na Exposição Nacional do Cavalo Mangalarga Marchador n Superando o ano passado, 14 haras trouxeram para o Nordeste o reconhecimento da 31ª Exposição Nacional do Cavalo Mangalarga Marchador, realizada pela Associação Brasileira dos Criadores do Cavalo Mangalarga Marchador (ABCCMM). n O evento, que aconteceu em Belo Horizonte (MG) com extremo rigor na seleção de animais de todo o Brasil, elegeu 12 haras de Pernambuco e dois do Rio Grande do Norte, consagrados Campeões em Marcha Batida e Picada. n No Estado, os animais campeões são dos haras Água Boa, localizado em Tibau do Sul, e Nossa Senhora Aparecida, em Nova Cruz n E neste sábado aconteceu um grande encontro de Estande de Natal foi destaque em evento da Embratur na Argentina n Natal foi destaque na 3ª edição do Goal to Brasil, evento promovido esta semana em Buenos Aires, na Argentina, pela Embratur (Instituto Brasileiro de Turismo) para divulgar as cidades brasileiras que irão sediar a Copa do Mundo de 2014. n Marcelo Pedroso, diretor de Mercados Internacionais da Embratur, abriu o evento convidando os agentes a conhecerem mais do Brasil e se informarem a respeito da cultura, gastronomia e atrativos turístico das capitais brasileiras presentes. n Durante todo o dia, o estande de Natal permaneceu com a movimentação intensa de operadores e agentes de viagem interessados em conhecer mais sobre o destino. n A participação potiguar seguiu com espaço ainda na palestra dada por Georthon Branquinho, chefe da divisão de apoio a mercados da Embratur, que apresentou um panorama com informações gerais sobre Natal. E, além disso, os convidados assistiram a um workshop sobre as cinco regiões do Brasil. n E a próxima edição do "Goal to Brasil" será em Paris, durante a Semana do Brasil na França, e terá a Bahia como estado destaque. n O projeto é uma iniciativa da Embratur para divulgar as 12 cidades sedes da Copa do Mundo de 2014. No total, serão

exibição dos vencedores. Contando ainda com o desfile da égua Hebe do haras Cascatinha - que conquistou o mérito inédito da história do Mangalarga Marchador de Marcha Picada, em uma única exposição nacional os títulos de: Campeã das Campeãs Nacional de Marcha Picada e Grande da Raça Nacional de Marcha Picada. Produtores de melão querem ampliar exportações com vendas aos EUA n Comitiva formada por representantes do Sebrae no Rio Grande do Norte, Comitê Executivo de Fitossanidade do Rio Grande do Norte (Coex) e empresários do setor de fruticultura está nos Estados Unidos para negociar com as autoridades americanas a alteração do período de isenção do pagamento de tarifas, atualmente concedida entre os meses de dezembro e maio. n Fora desse período, os Estados Unidos cobram uma taxa de 28%. Mas os produtores pleiteiam a mudança para o intervalo entre setembro e março, auge da safra no Brasil. n A taxação visa proteger agricultores locais que produzem melão, principalmente nos estados da Califórnia, Arizona e Geórgia. Entretanto, no inverno, a produção americana cai e a isenção estimula a compra de frutas vindas de países em desenvolvimento. n "Queremos mostrar que a entrada do melão brasileiro não afetará os negócios dos produtores americanos. São poucos os países que produzem a fruta nesse período que estamos propondo, inclusive os Estados Unidos", justifica o diretor técnico do Sebrae no Estado, João Hélio Cavalcanti, que integra a missão empresarial do Brasil em Washington. n Acompanhado do vice-presidente do Coex, Luiz Roberto Barcelos, o diretor explica que, se aprovada a proposta, as exportações brasileiras podem duplicar e os reflexos serão sentidos já na safra do próximo ano, uma vez que a produção atual já está comercializada com países do bloco europeu - o equivalente a US$ 120 milhões. n Essa é a segunda tentativa brasileira de alterar a chamada janela de vendas, iniciada com visita da presidente Dilma a Barack Obama, em abril.

14 eventos, em 14 países, cada um tendo uma localidade como foco das atividades. n A ação tem parceria com o Ministério do Turismo, Ministério do Esporte, Ministério das Relações Exteriores/Embaixadas Brasileiras, governo dos estados (secretarias municipais e estaduais de Turismo e da Copa das cidades-sede e FIFA). Senac oferece serviços gratuitos no Circuito Qualidade de Vida Nordestão 2012 n Os participantes do Circuito Qualidade de Vida Nordestão 2012, que acontece este final de semana na Praça Cívica da UFRN, poderão usufruir de serviços gratuitos oferecidos pelo Senac. n Serão disponibilizados cortes de cabelo, design de sobrancelhas e massagens corporais aos participantes do evento. n A programação do Circuito reúne atividades como corridas, caminhadas, passeio ciclístico, gincana infantil e espaço qualidade de vida, onde serão realizadas atividades direcionadas à saúde da mulher. n Para inscrição nas atividades esportivas do evento, além do pagamento de uma taxa, foi solicitada a doação de 1kg de alimento não-perecível, que será revertido ao programa Mesa Brasil do Sesc. n As doações beneficiarão mais de cem instituições cadastradas no programa de segurança alimentar e nutricio-

nal da instituição. n A programação comemorativa aos 40 anos da rede de supermercados Nordestão tem apoio do Sistema Fecomércio e espera atrair cerca de 15 mil pessoas, entre atletas e público em geral. ALE é eleita a melhor empresa para trabalhar no setor de atacado n A ALE, quarta maior distribuidora de combustíveis do país, foi eleita uma das melhores empresas para trabalhar pelo guia da revista Você S/A. n Entre as 150 empresas mais bem avaliadas pela pesquisa, a companhia figura em primeiro lugar no setor de atacado. n Esta é a oitava vez que a empresa é contemplada no guia. n Para destacar as empresas que cuidam bem de seus colaboradores, a equipe responsável por elaborar o guia avaliou o ambiente de trabalho e as práticas e políticas de gestão de pessoas das empresas. n A pesquisa para escolher as melhores companhias envolve quatro etapas: questionário dos funcionários, questionário da empresa, visita às empresas pré-selecionadas e reunião para definição do resultado final. n Para o gerente-executivo de RH da ALE, Vladimir Barros, a premiação é um reconhecimento aos investimentos da companhia em ações de recursos humanos e gestão de pessoas.

Natal, 15 e 16 de setembro de 2012

O Jornal de HOJE 7

Conab consegue frete de milho para Caicó 4.500 TONELADAS PARTIRÃO DA ORIGEM EM DUAS SEMANAS A Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) voltou a realizar ontem, sexta-feira, o mesmo leilão de dias atrás, quando conseguiu viabilizar apenas quatro dos 33 lotes na contratação de frete e remoção do milho do Centro-Oeste para diversos estados, somando no total 105 mil toneladas. O preço de fechamento do pregão ficou em R$ 33,9 milhões e alguns lotes chegaram a registrar um deságio de 24% em relação ao valor oferecido inicialmente pela Conab. Essa foi uma boa notícia, pois indica que, finalmente, os transportadores começaram a fechar alguns fretes com a Companhia. A previsão é de que os embarques iniciem dentro de duas semanas, no máximo. Para o Rio Grande do Norte, a boa notícia - se é que pode existir uma boa notícia com carregamentos de milho em duas semanas - é que finalmente o armazém da Conab em Caicó receberá 4.500 toneladas do produto. Durante o leilão anterior com pouquíssimos interessados, só Mossoró conseguiu um carregamento de milho, porque teve carga de retorno para oferecer, no caso o sal, para o mercado do Centro-Sul. Preocupadas com a crônica falta de milho nos armazéns da Conab para alimentar seu gado, lideranças rurais do RN tentam há tempos negociar com o governo a possibilidade do Estado arcar com um terço do custo pago pela companhia aos caminhões que fazem o frete do produto que vem do Mato Grosso. O assunto foi tocado pela primeira na semana passada, durante reunião do comitê contra a seca instituída no governo. "Inicialmente, a reação não foi boa porque implica em mais uma frente de gastos, mas depois o secretário Betinho Rosado (Agricultura) analisou melhor as implicações da falta de milho para o rebanho potiguar e ficou de encaminhar a proposta para a governadora", declarou na ocasião o presidente da Federação da Agricultura, José Álvares Vieira. O custo para os cofres seria de R$ 1,5 mi-

Arquivo

Previsão é que o embarque do produto comece em, no máximo, duas semanas lhão para 15 mil toneladas, já que o Estado arcaria com R$ 100,00 por tonelada embarcada nos caminhões. De lá para cá esse debate não prosperou. Segundo Vieira, o problema é originalmente de preço. A Conab só paga pouco mais de R$ 300,00 por tonelada transportada aos caminhoneiros, quando o mercado já pagaria bem mais de R$ 400,00. O resultado é que várias licitações feitas para a contratação do frete deram "vazias". Assim, o fluxo constante de caminhões com o milho para os para os armazéns da Conab no RN ficou descontinuado, tornando o milho escasso por aqui. Para Vieira, o que está em jogo nesse momento é a manutenção do rebanho bovino do Rio Grande do Norte que, a persistir essa situação, pode ser reduzido pela metade até o começo do ano que vem, com graves impactos sobre a produção local. "Hoje, Ceará e Pernambuco já fazem licitação para elas, sozinhas, cobrirem o frete de milho da Conab e o que pedimos aqui é o governo contribua com R$ 100,00 por tonelada", acrescentou. Para o presidente da Faern, a

questão do milho não pode mais se concentrar na Conab. "É uma problema logístico que precisa da colaboração do Ministério do Exército e do Ministério da Defesa, por meio das Forças Armadas, para garantir a chegada do milho subsidiado, já que estamos falando de produção pecuária", afirmou. Outra questão que preocupa os produtores é a falta de volumoso para o gado. Tanto que a venda da cana própria da Usina São Francisco, em Ceará-Mirim, sob intervenção judicial há dois anos, mobiliza alguns produtores. Essa semana, o interventor da Usina anunciou que iniciaria o processo de comercialização da cana própria, em torno de 60 ou 70 mil toneladas, segundo a avaliação de algumas fontes do setor. Isso daria um retorno, a preços de mercado, de aproximadamente R$ 5 milhões. Produtores que necessitam desse volumoso aventaram essa semana que se o milho da Usina fosse comercializado diretamente com criadores poderia facilmente obter um ágil de R$ 40,00 por tonelada, já que a cana está sendo comprada a R$ 100,00 a tonelada - tamanha a procura pelo produto. (MH)

> MEDIDA PROVISÓRIA

Semana será decisiva para camarão e sal do Estado Produtores de camarão e de sal do RN terminaram a semana preocupados com a Medida Provisória 571-2012, vai irá à votação no Congresso nos próximos dias 18 e 19. No entender deles, como está, o texto final interfere significativamente na economia do Rio Grande do Norte. Trata-se da MP do Código Florestal, que das mais de 340 emendas propostas pelos deputados, quatro são de especial interesse do Estado, pois dizem respeito à proteção e desenvolvimento das culturas de sal e camarão, dois produtos de destaque da economia primária potiguar. Segundo os produtores, se mantido o texto original, como consta na MP, as atividades estarão seriamente ameaçadas. O texto que está proposto provocou manifestações de vários setores produtivos de estados do Nordeste e há um temor de que a medida interfira no potencial produtivo das tradicionais indústrias salineiro e camaroneira. A produção de sal no Rio Grande do Norte representa 95% de todo o sal consumido no País e a de camarão por 35% do total produzido nacionalmente. Juntas, respondem pela geração de mais de 50 mil empregos diretos e indiretos. Cidades como Mossoró, Macau, Areia Branca, Nísia Floresta, Canguaretama, entre outras, dependem diretamente dessas atividade para sobreviver, lembrou hoje o presidente da Associação Brasileira de Produtores de Camarão, Itamar Rocha. "As emendas do nosso pleitopropõem adições voltadas para proteger e atender as necessidades locais do cultivo de camarão e da produção de sal e permitir sua expansão sustentável no Rio Grande do Norte e no Nordeste", diz

Orígenes Monte, presidente da Associação Norte-Riograndense de Criadores de Camarão. O agronegócio da aquicultura é o maior negócio do mundo, segundo dados da FAO/Embrapa. A produção de pescado e aquicultura é duas vezes maiores que a soja,

sete vezes maior que a carne e nove vezes maior que o frango. O Brasil é o maior exportador mundial de soja, o segundo maior de frango e é líder nas exportações de carne. Mas na aquicultura tem apenas 0,6 por cento da produção mundial desse segmento.


8 O Jornal de HOJE

Cidade

Natal, 15 e 16 de setembro de 2012

Sábado e Domingo

Passe livre será suspenso nos ônibus de Natal DECISÃO

FOI TOMADA APÓS REVOGAÇÃO DO DECRETO É CRITICADA POR USUÁRIOS DO TRANSPORTE PÚBLICO

Os usuários do transporte público de Natal novamente serão afetados com mais uma mudança inesperada no sistema. A partir da próxima segunda-feira (17) o serviço de integração temporal, conhecido como "Passe Livre", não será mais disponibilizado. A decisão parece ser uma resposta à revogação do reajuste no preço das passagens no início do mês. O Sindicato das Empresas de Transporte Urbano (Seturn) confirmou a mudança e anunciou que a alteração será feita devido a um desequilíbrio financeiro causado às empresas de transporte público com a revogação. A população está indignada novamente pois a suspensão do serviço vai gerar grande impacto no dia-a-dia e também bolso de cada usuário. A promotora de vendas Vanessa Souza, reclama que com a mudança, poderá gastar até cinco seis vezes mais o valor atual com as passagens. "Trabalho em diversos supermercados, e me desloco várias vezes ao dia. Com o passe livre eu economizava bastante. Agora, com certeza vou gastar mais de R$ 13 por dia, e isso no fim do mês vai me causar um grande problema financeiro", disse Vanessa. Além impacto financeiro, os usuários se preocupam com a segurança também. Ananda Costa é recepcionista e se preocupa com o fato de ter que ficar por mais tempo esperando por um ônibus. "Saio do trabalho de noite, e a para mais próxima é muito isolada. Por isso

Wellington Rocha

Maurício Cuca

Vanessa conta que, sem a integração, vai gastar mais de R$ 13 por dia

Usuários temem que o valor da tarifa também volte a aumentar para R$ 2,40 mesmo após revogação do decreto

costumo pegar sempre o primeiro ônibus que aparecer até uma parada mais movimentada por onde meu ônibus passe. Agora, o jeito vai ser esperar na parada, muitas vezes sozinha, correndo o risco de ser assaltada, pois não posso ficar pagando duas passagens todos os dias pra voltar para casa", desabafou Ananda. No início do mês, a Câmara Municipal de Natal votou a favor

conquista da revogação, não demorou muito e as empresas de ônibus voltaram a prejudicá-la. O estudante Fernando Silva, que participou ativamente das manifestações contra o aumento da passagem reclama que o capitalismo sempre fala mais alto, mas espera que a situação se reverta novamente. "Lutamos tanto para sermos ouvidos e conseguimos. Mas os empresários capitalistas,

da revogação do aumento da passagem de ônibus - que tinham aumentado para R$ 2,40 mas voltaram a custar R$ 2,20 - , após uma série de protestos realizados por toda a cidade. Com essa conquista, os usuários, satisfeitos, acreditaram que sua voz tinha poder, e que o problema estava resolvido. No entanto, o sentimento da população agora é de impotência novamente, pois mesmo com a

sempre protegidos de alguma forma pela Constituição, venceram novamente. Mas tenho esperança de que juntos podemos fazer nossa voz valer novamente", disse o jovem. Os usuários já pensam em como reverter essa situação e se novos protestos serão realizados, pois além da suspensão do Passe Livre, temem que o Seturn consiga o aumento de pas-

sagens novamente. O Passe Livre surgiu para substituir as estações de transferência durante a gestão atual (Micarla de Souza), dando mais opções ao passageiro usar qualquer parada para completar o trajeto usando 2º ônibus, sem custo adicional, durante o intervalo de uma hora após pagar a passagem usando cartão eletrônico (Estudante, Vale Transporte e Passe Fácil).

> VESTIBULAR UFRN

Mudança na forma de ingresso aumenta demanda Arquivo

Provas para o vestibular da UFRN serão aplicadas entre 25 e 27 de novembro

O curso de Medicina da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) continua sendo o mais concorrido no vestibular da instituição. De acordo com a demanda parcial de candidatos por curso, divulgada na última sextafeira pela Comissão Permanente de Vestibular (Comperve), serão 65 alunos concorrendo por uma vaga no processo seletivo de 2013. O aumento significativo da demanda pode ser justificado pela mudança na forma de ingresso para a Universidade a partir deste ano. O curso de Psicologia aparece como o segundo mais concorrido, com uma demanda de 35,80 pessoas por vaga. Em seguida vêm os cursos de Arquitetura e Urbanismo, com a concorrência de 24,35 alunos por vaga, e Engenharia Civil com 23,14. Ao todo foram inscritos 25.617 candidatos que irão concorrer a 3.015 vagas nos cursos distribuídos pelos campi de Natal, Caicó, Santa Cruz e Currais Novos. De acordo com a presidente da Comperve, Magda Pinheiro, apesar de alguns cursos terem registrado

um aumento significativo da demanda, como o de Medicina, a mudança no número de concorrentes já era esperada em função da adequação da UFRN às normas estabelecidas pelo Exame Nacional de Ensino Médio (Enem). Segundo dados divulgados pela Comissão Permanente de Vestibular, o número de candidatos inscritos é praticamente o mesmo dos anos anteriores, mas a alteração se dá pela diminuição das vagas ofertadas. "Isso já era esperado por nós, inclusive pelos alunos. Se só temos 50% das vagas disponíveis para o processo seletivo, é normal que a quantidade de concorrentes dobre", afirma Magda Pinheiro. Para este ano, a Comperve adotou duas formas de seleção na qual os cursos que se iniciam no primeiro semestre usarão o vestibular tradicional, e aqueles que começam no ano de período de 2013.2 deverão usar o Exame Nacional do Ensino Médico como forma de ingressa. Para François Cavalcanti, professor de cursinho preparatório para o vestibular, o impacto da mudança

do sistema adotado pela UFRN atinge mais os alunos inscritos em cursos de grande concorrência. "A metade das vagas não traz muito impacto para aqueles que visam um curso de baixa concorrência, pois o aluno poderá fazer os dois processos seletivos (UFRN e Enem) com a probabilidade de estar concorrendo apenas com os candidatos locais", disse. O professor explica que no caso dos estudantes que procuram cursos como Medicina e Psicologia, historicamente com grande número de inscritos, o impacto é maior porque a concorrência passa a ser nacional. "O aluno que se prepara para cursos de alto nível geralmente não tem vida fácil e está disposto a fazer o Enem para qualquer universidade do país. Isso aumenta ainda mais o nível da disputa por uma vaga", disse François. As provas para o vestibular 2013 da UFRN serão aplicadas no período de 25 a 27 de novembro. No primeiro dia do processo seletivo serão aplicadas as provas de física, química, biologia, matemática e língua estrangeira. No segun-

do dia os alunos farão as provas de português, literatura, geografia, história e redação. No terceiro dia será aplicada a prova discursiva destinada a cada área. ENEM A UFRN adotou o modelo do Sistema de Seleção Unificada (SISU), através da notas do Exame Nacional do Ensino Médio, para o preenchimento de 50% das vagas oferecidas pela Universidade. Para o preenchimento das vagas em 2014, não haverá mais vestibular, sendo 100% das vagas preenchidas através do ENEM. Criado com o objetivo de avaliar o desempenho do estudante ao fim da escolaridade básica, o Enem passou a ser utilizado também pelas universidades públicas do país como forma para o ingresso de novos estudantes. A seleção é feita pelo SISU com base na nota obtida pelo candidato no Enem. A UFRN foi uma das últimas instituições de Ensino Superior a adotar o exame como forma de entrada para novos alunos.

> AÇÃO VOLUNTÁRIA

Febrac realiza mutirão de limpeza em Ponta Negra Na manhã deste sábado, a praia de Ponta Negra foi agraciada com uma ação voluntária de limpeza em toda a sua extensão. Organizada pela Federação Nacional das Empresas de Serviços e Limpeza Ambiental (Febrac) em parceria com empresas filiadas ao Sindicato das Empresas de Asseio e Conservação (Seac/RN), a Ação Nacional Febrac está na 5ª edição. Em Natal, este ano, o local escolhido foi a praia de Ponta Negra, onde cerca de 60 funcionários de empresas filiadas ao Seac/RN realizaram coleta de lixo e separação dos recicláveis, munidos de luvas,

sacos biodegradáveis e outros instrumentos de limpeza. A 5ª Ação Nacional Febrac é um exemplo de comprometimento com a preservação ambiental com a sustentabilidade, e tem como objetivo promover um dia de cidadania e conscientização da população sobre preservação do meio ambiente e sustentabilidade. Patrícia Marinho é funcionária de uma empresa parceira da Febrac e participou do movimento levando toda a família. Para ela, atitudes como essa podem tornar a vida de todos muito melhor. "O fato de nos juntarmos para tratar desse dese-

quilíbrio ambiental que nos cerca é muito impactante para o meio ambiente e também para a população. Trouxe meu esposo e filho comigo, pois ele, que só tem 5 anos, já deve aprender a importância de fazermos a nossa parte", disse Patrícia. Atualmente Natal sofre com problemas na área de limpeza urbana e áreas públicas como praças, praias e canteiros estão 'abandonados'. Para o presidente do Sindicato das Empresas de Asseio e Conservação (Seac/RN), Edmilson Pereira, o problema de limpeza ambiental pode ser resolvido se ambas as partes, órgão públicos, população e empresas que atuam na área trabalharem em conjunto. "Entendemos que a promoção da limpeza deve estar integrada a produção de menos lixo. A sociedade precisa ser educada quanto à sustentabilidade e reciclagem. Além disso, grande parte dos profissionais de limpeza tem baixo grau de instrução e nossas empresas os tiram da informalidade para a prestação desses serviços. Agora eles também estão sendo treinados para cuidar do meio ambiente, para a realizarem seu trabalho da melhor

Wellington Rocha

Cerca de 60 pessoas realizaram coleta de lixo e separação dos recicláveis, munidos de luvas e sacos biodegradáveis forma. Por isso, a Febrac e as empresas filiadas ao nosso sindicato investem em ações como esta", disse o presidente do Seac/RN. AAção Nacional Febrac é rea-

lizada anualmente, em nível nacional nas capitais brasileiras. Dentre as atividades realizadas estão reparos em calçadas e meio fio, pintura de canteiros, jardinagem, poda-

gem de árvores e distribuição de mudas, além de distribuição de material informativo sobre a importância da preservação do meio ambiente e da reciclagem do lixo.

CMYK


Cidade

Sábado e Domingo

Natal, 15 e 16 de setembro de 2012

O Jornal de HOJE 9

Barreira da febre aftosa no Estado será revogada antes do início da Festa do Boi REVOGAÇÃO MOSTRA IMPORTÂNCIA DO MAIOR EVENTO AGROPECUÁRIO DO ESTADO QUE, NESTA EDIÇÃO, COMPLETA 50 ANOS Divulgação

Wellington Rocha

MARCELO HOLLANDA HOLLANDAJORNALISTA@GMAIL.COM

Técnicos do Ministério da Agricultura desembarcam em Natal entre os próximos dias 26 e 27 para preparar os procedimentos da sorologia que acontecerá, em outubro, em 180 propriedades do RN para confirmar a inexistência de aftosa no rebanho potiguar. No dia 25, o ministro da Agricultura, Mendes Ribeiro Júnior, deverá estar em Natal para anunciar a revogação da Portaria que proibia os animais do RN de circularem fora do Estado. A revogação será feita para que os negócios da Festa do Boi - maior evento agropecuário do Estado - não sejam prejudicados. Já os procedimentos de sorologia serão realizados no mês de outubro, após a Festa do Boi que acontece, este ano, entre os dias 11 e 20 de outubro. Normalmente, o sorteio e a visitação nas propriedades escolhidas deveriam acontecer antes da maior exposição agropecuária do estado, que este ano completará meio século de vida. Na ocasião, cada criador escolhido assinará um termo de compromisso de não movimentar seus rebanhos para fora do estado. Serão coletadas em torno de cinco mil amostras de sangue, confirmado que o RN pode ingressar no bloco dos estados nordestinos livre da barreira sanitária intensificada desde maio, quando os criadores locais foram proibidos de circular com seus animais para fora dos limites estaduais. A revogação da barreira da aftosa 'antes da época' demonstra a importância da festa e também pode ser encarada como um voto de confiança para o trabalho de recuperação feito pelo Instituto de Defesa e Inspeção Agropecuária do RN (Idiarn), que desde a posse da governadora Rosalba Ciarlini vinha pas-

Ministro anunciará revogação da portaria que proibia circulação de animais do Estado para fora dele. Com isso, tanto o gado de fora quanto do Estado poderão ser negociados sem necessidade de quarentena sando por um processo de desconstrução política e técnica. O resultado disso foi o caos administrativo que se instalou no Instituto no começo da gestão preocupada em varrer qualquer símbolo da administração anterior. E o Idiarn, como bem se sabe, foi criado na gestão anterior. O resultado desta questão política culminou na barreira imposta ao trânsito animal do RN para Pernambuco e Ceará, em plena estiagem considerada uma das mais rigorosas dos últimos 40 anos. Com isso, o secretário Betinho Rosado, da Agricultura, foi obrigado a correr atrás do prejuízo. Uma de suas missões foi acalmar o agronegócio, que já antevia um

impensável cancelamento da Festa do Boi, justamente nos seus 50 anos. A importância desse evento é tanta para o Estado, que as ameaças de alguns produtores em boicotá-lo, no auge da seca no primeiro semestre, preocuparam a governadora. Percebeu-se rapidamente o perigo que seria impor quarentena tanto ao gado de fora, negociado na feira, quanto ao daqui mesmo, que só poderia ser entregue aos compradores de fora se antes passasse entre 40 a 50 dias de confinamento, pagando todas as despesas dessa indesejável permanência. Recuperado e organizado, o Idiarn, dirigido por técnicas que transmitem confiança à administra-

ção, já é possível pensar que pela primeira vez no RN está não só livre da aftosa com vacinação, como integrante de um bloco de estados nessa mesma condição. Tecnicamente, os fatores que levaram o Idiarn a se atrasar em relação a outros estados nordestinos no controle exigido pelo Ministério da Agricultura em relação à febre aftosa no rebanho foram a desatualização de seus cadastro, repletos de dualidades, e à desorganização de seus escritórios, que freqüentemente nem guias de trânsito animal tinham para preencher. Além disso, a comunicação era péssima e o pessoal nem telefone ou internet tinha para trabalhar. No auge do desespero e pres-

sionados pelos acontecimentos, que culminaram com a barreira imposta por estados vizinhos, o secretário Betinho Rosado, da Agricultura, convidou um antigo funcionário de carreira do Ministério no Estado para ocupar a direção do Instituto, com a missão de organizálo exatamente dentro do que o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) esperava. A boa iniciativa, porém, esbarrou em problemas básicos como as condições pelas quais o Ministério cederia o seu servidor, sem ônus para o Governo Federal. Depois de mais de 70 dias, a 'novela' não deu em nada, pois o servidor não assumiu ao cargo e a di-

reção do Idiarn acabou tomando um rumo simples: foi parar nas mãos de duas diretoras - Fabiana Lo Tierzo e Vera Paiva, respectivamente ligadas à Defesa Animal e Vegetal do Instituto. O que era para ser uma saída provisória acabou em definitiva, pois o secretário Betinho Rosado observou que a nova diretoria estava dando certo, melhor até do que imaginava, pois a última visita dos técnicos do Ministério foi totalmente bem sucedida. O perigo maior da auditoria feita para ver se o Idiarn corrigira seus anacronismos acabou comprovando que a solução dos problemas nunca esteve fora, mas estava bem perto todo o tempo.


10 O Jornal de HOJE

Cidade

Natal, 15 e 16 de setembro de 2012

Sábado e Domingo

Máquinas caça-níqueis são destruídas EQUIPAMENTOS

HAVIAM SIDO APREENDIDOS ENTRE

2000

E

2004,

EM OPERAÇÕES FEITAS PELA

POLÍCIA CIVIL

DO

RN

Fotos: Wellington Rocha

ALESSANDRA BERNARDO REPÓRTER

A Justiça destruiu, na manhã deste sábado, 443 máquinas caçaníqueis e de vídeo bingo apreendidas durante ações policiais a estabelecimentos que exploravam jogos de azar na Região Metropolitana de Natal. Os equipamentos estavam guardados no Depósito Judicial e haviam sido apreendidos entre os anos de 2000 e 2004 pela Polícia Civil. Parte do material que restar das máquinas deve ser reaproveitado para reciclagem. De acordo com informações do Tribunal de Justiça, essa é a segunda destruição de caça-níqueis realizada este ano, em Natal. A primeira aconteceu no mês de fevereiro, quando 265 equipamentos apreendidos passaram pelo mesmo procedimento, também no pátio da Urbana, localizado no bairro das Quintas, zona Oeste da cidade. Todas as máquinas destruídas tinham sido periciadas por profissionais do Instituto Técnico-Científico de Polícia do Rio

Grande do Norte (Itep/RN), que constataram que nenhuma delas funcionava ou possuía alguma utilidade, o que as liberavam para a destruição, que foi dada pelo diretor do Foro da Comarca de Natal, juiz Roberto Guedes. Conforme Roberto, os equi-

pamentos estavam vinculados a processos criminais que já haviam sido concluídos e que, portanto, poderiam ser destruídas o mais breve possível, para desocupar o depósito judicial, que já estava cheio. A expectativa é que outra leva de caça-níqueis tenha

o mesmo destino até o final do ano. Segundo a assessora jurídica do Foro, Luciane Brandão, a maioria das peças havia sido apreendida durante uma operação chamada Niquelândia, que foi realizada há alguns anos e

que resultou na apreensão de mais de 500 aparelhos semelhantes. Ela disse ainda que foi usada uma máquina do Exército Brasileiro para o processo. "A destruição dos equipamentos foi realizada na Urbana porque a autarquia possui uma equi-

pe especializada na reciclagem de materiais e ela irá aproveitar uma parte do material resultante do procedimento. Agora, a expectativa é que uma nova destruição de máquinas caça-níqueis seja marcada, possivelmente, no próximo mês", explicou.

> SINDASP:

“Nomeação de agentes é um pequeno avanço” Wellington Rocha

Governo do Estado atende antiga reivindicação e começa processo de melhorias

A notícia da nomeação de 40 novos agentes penitenciários para o sistema carcerário do Rio Grande do Norte, que deve acontecer na próxima semana, foi bem recebida pelo sindicato da categoria. A medida foi vista como uma iniciativa importante, apesar da situação precária que o sistema passa atualmente. Após assumirem os postos, os servidores irão atuar no novo pavilhão da Penitenciária Estadual de Alcaçuz, situado no município de Nísia Floresta. Segundo a presidente do Sindicato dos Agentes Penitenciários do RN (Sindasp/RN), Vilma Batista, a nomeação dos 40 novos agentes é um pequeno avanço, que deve ser visto como o início para futuras melhorias das condições estruturais e funcionais das unidades prisionais no Estado. "É importante registrar o avanço, mas não podemos deixar de lado a situação caótica que o sistema prisional enfrenta no Estado, com unida-

des sucateadas, falta de material e de condições para o trabalho, entre outros problemas enfrentados. A nossa expectativa é que uma coisa boa, como essa nomeação, puxe outras melhores, como as melhorias na infraestrutura das unidades, mais nomeações e condições melhores para os servidores", explicou. Vilma disse que os novos agentes irão atuar em Alcaçuz, no pavilhão que deve ser liberado para uso a partir de outubro, de acordo com informações do Governo do Estado. Ela disse que a nomeação foi acompanhada de perto pelo Sindasp/RN e que os novos agentes irão ocupar as vagas de servidores que deixaram o serviço público, ou seja, tenham pedido exoneração. Ela afirmou ainda que a expectativa da categoria é que o projeto de lei que cria 600 novas vagas para agentes penitenciários no Estado seja aprovada pelo Governo. "O documento está na Consultoria Geral do

Estado desde o ano passado e, se aprovado, irá reduzir pela metade o déficit atual, que é de 1,2 mil agentes. Será um avanço ainda maior e mais importante", falou. PRÓXIMA SEMANA A nomeação dos 40 novos agentes penitenciários, anunciada ontem pela governadora Rosalba Ciarlini para acontecer já na próxima semana, foi estabelecida no início do mês. Após ser publicada no Diário Oficial do Estado (DOE), os convocados terão um prazo máximo de 30 dias para tomar posse. Conforme o Gabinete Civil, os novos agentes ocuparão as vagas remanescentes. "Estamos ultimando o levantamento dos nomes que poderão ser chamados e a determinação da governadora é de que essa lista seja publicada no Diário Oficial logo no início da semana", afirmou o secretário chefe do setor, Anselmo Carvalho.

Em fevereiro deste ano, a governadora Rosalba Ciarlini determinou que a equipe da Secretaria de Estado da Justiça e Cidadania (SEJUC), juntamente com o Gabinete Civil, promovessem os estudos para que fossem preenchidas as vagas dos agentes que tivessem saído do serviço público, para melhor suprir a demanda no sistema penitenciário do Estado. Areunião que estabeleceu a convocação contou com a presença o secretário de Justiça e Cidadania (Sejuc), Kércio Pinto; da Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social (Sesed), Aldair da Rocha; do juiz da Vara de Execuções Penais, Henrique Baltazar dos Santos; do juiz da 4ª Vara da Fazenda Pública, Cícero Martins Macedo Filho; do procurador geral do Estado, Miguel Josino e do coordenador de Administração Penitenciária do Estado (Coape), Francisco Aílson Dantas.

> ADOLESCENTE FOI UMA DAS VÍTIMAS

Região Metropolitana registra 3 assassinatos em 24 horas Três crimes movimentaram as últimas 24 horas na Região Metropolitana de Natal. Um adolescente de 17 anos foi assassinado com seis tiros na porta de casa, na manhã de hoje, no bairro Cidade Nova e, durante a madrugada de hoje, sábado, o corpo de um homem foi encontrado no bairro do Alecrim, com vários golpes de faca-peixeira. Já em Parnamirim, um rapaz identificado apenas pelo apelido de "Caçote" sofreu tentativa de homicídio quando caminhava por uma rua de Cajupiranga. A Polícia Militar está em diligências para identificar e prender os dois homens apontados como os assassinos de um adolescente de 17 anos, que foi executado com

seis disparos de arma de fogo, por volta das 7h de hoje. Testemunhas informaram aos militares que os desconhecidos chegaram à porta da casa alugada pela vítima e a chamaram pelo nome. Ao atender o chamado, o adolescente foi recebido com vários tiros e morreu no local. Alertados pelo barulho, os vizinhos do rapaz se desesperaram e ligaram para o Centro Integrado de Operações em Segurança Pública (Ciosp) denunciando o crime. Conforme relataram aos militares, o rapaz havia se mudado para a vila há pouco tempo. O segundo homicídio foi registrado no bairro do Alecrim e, de acordo com informações do 1º

Batalhão da Polícia Militar, o corpo de um homem não identificado foi encontrado próximo a um estabelecimento comercial, durante a madrugada de hoje. Ele foi assassinado com vários golpes de facapeixeira e abandonado no cruzamento entre as ruas Presidente Sarmento e Paiatis, próximo ao um estabelecimento comercial. O cadáver foi localizado por algumas pessoas que trafegavam pelo local e perceberam as manchas de sangue espalhadas no corpo, caído no chão. A Polícia Militar foi chamada pelas testemunhas e após ouvirem as primeiras pessoas, ainda não tem ideia de quem possa ter cometido o homicídio. Também não há suspeita do que pode ter

motivado o crime. A vítima não tinha nenhum documento de identificação. Peritos do Instituto Técnico-Científico de Polícia do Rio Grande do Norte (Itep/RN) foram até o local e removeram o cadáver para a sede do órgão, no bairro da Ribeira, na zona Leste de Natal. O caso foi registrado na Delegacia de Plantão da zona Sul, na Candelária. TENTATIVA DE HOMICÍDIO ASSUSTA MORADORES DE CAJUPIRANGA Já em Parnamirim, um homem sofreu um atentado ontem à noite, quando caminhava em uma das ruas do local. Conforme relatos do 3º Batalhão da Polícia Militar, a

vítima, identificada apenas pelo apelido de "Caçote", foi abordado por dois homens em uma motocicleta, que perguntaram algo a ele e depois efetuaram os tiros. "Caçote" foi atingido por três disparos de arma de fogo nas pernas e se fingiu de morto, para não levar mais tiros. Logo após isso, os dois acusados fugiram em alta velocidade, tomando rumo ignorado. Pessoas que moravam próximo à área onde aconteceu a tentativa de homicídio ouviram os barulhos dos disparos e telefonaram para o Ciosp. Uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) socorreu a vítima para o Hospital Deoclécio Marques, em

Parnamirim, onde foi submetida a procedimento cirúrgico para a retirada das balas. Uma guarnição do 3º BPM foi até o local do crime para coletar informações com as pessoas que moram próximas ao ponto onde ocorreu o atentado, mas ninguém soube informar quem teria efetuado os disparos contra "Caçote". Conforme informações do 3º BPM, a suspeita é que o atentado tenha sido motivado por um acerto de contas, já que "Caçote" é apontado como o autor de vários crimes no município de Parnamirim e pode ter sido atacado por possíveis inimigos. Ele não revelou se conhecia ou não os atiradores.


Cidade

Sábado e Domingo

Natal, 15 e 16 de setembro de 2012

O Jornal de HOJE 11

Alex Medeiros alex.medeiros1959@uol.com.br

Lula, o chefe dos ladrões Evidentemente que o título acima não é novidade para meus poucos leitores que me acompanham aqui e no site alexmedeiros.com.br. Incontáveis foram as vezes que tratei do mesmo assunto, inclusive acusado por esquerdistas de ser monotemático ao extremo. Há zil anos, desde 2005 quando estourou o esquema do desvio de dinheiro público para pagar propina aos parlamentares da base aliada do governo Lula, eu afirmo que o líder petista é também o chefão da roubalheira. Repeti isso também no rádio e na TV. Aliás, sobre a liderança criminosa de Luiz Inácio, melhor ilustrou o jornalista e escritor Ivo Patarra, no livro "O Chefão", que demorou a chegar às prateleiras do Brasil após um longo boicote de editoras e distribuidoras. Quem sabe agora aumente suas vendas. Hoje, enquanto o país inteiro enfim compreende o caso, no julgamento do STF que está condenando petistas e cúmplices, a revista VEJA consegue o que muitos jornalistas já haviam antevido: a confissão do publicitário mineiro Marcos Valério, que operou a falcatrua do mensalão denunciada em 2005 por Roberto Jefferson. Em edição especial (como mostra a capa na foto), a VEJA ouviu o cara já condenado pelo Supremo, que resolveu contar tudo o que sabe e presenciou, num ato de quem não quer pagar sozinho pelo crime da quadrilha chefiada por um presidente da República. Marcos Valério chegou ao PT pelas mãos do amigo e conterrâneo Virgílio Guimarães, o então deputado petista nascido na sua mesma cidade, Curvelo, em Minas Gerais. Na condição de dublê de marqueteiro, coordenou a campanha do deputado João Paulo Cunha (também condenado) a presidente da Câmara Federal. Ali, foi o primeiro grande passo para a elaboração da trama que teve em José Dirceu e José Genoíno, além do próprio Cunha, o papel institucional do protagonismo do PT no aliciamento de parlamentares para o apoio político ao governo Lula. Quase tudo do esquema foi tratado e engendrado no gabinete civil da Presidência, sob os olhos e o beneplácito do marido da Marisa. Infelizmente, com as oposições acovardadas pelos índices de popularidade do governo fermentados nas pesquisas, nada se fez para denunciar formalmente o chefe da Nação. Até um intrépido delegado da Polícia Federal, Protógenes Queiroz, resolveu calar quando descobriu os negócios mafiosos de Lulinha, filho do presidente, em sociedade com o banqueiro Daniel Dantas, como mostrou a revista IstoÉ durante as investigações da Operação Satiagraha. Luiz Inácio sempre foi o chefe de tudo, não só do mensalão. Seu perfil sociológico nunca se alterou

EFEITO LULA

Luiz Inácio fez comício em Belo Horizonte e dois dias depois seu candidato ficou 18% atrás do líder; apareceu no programa de Haddad e aí Celso Russomano cresceu mais 4 pontos. Ontem, ele foi a Salvador e agrediu verbalmente o candidato ACM Neto.

PROCESSO

Nas hostes da campanha do candidato Carlos Eduardo (PDT), o comentário na manhã desse sábado é que chegou mais uma ação judicial contra ele, movida pela prefeita Micarla de Sousa (PV), que há dias declara que vai votar no desafeto.

PROCESSO II

Os advogados do candidato a vereador Vober Junior (PPS) deram-lhe uma carga de estímulo: "vá para as ruas conquistar votos e deixe a luta de Brasília conosco". Vober aguarda uma posição do TSE que defira de uma vez por todas a sua candidatura.

REJEIÇÃO

desde quando estrelou no teatro das greves operárias do ABCD paulista, em que saltou da condição de preso político para referência de um novo partido. Muitos conhecem o processo histórico da anistia ocorrida durante o último governo militar do general João Figueiredo. E da concepção de um partido que pudesse conter o crescimento das antigas legendas comunistas na redemocratização, tudo idealizado pelo também general Golbery do Couto e Silva, aquele que Glauber Rocha chamou de "gênio da raça". Com Lula no papel de líder das greves e de um novo partido para as massas trabalhadoras, uma antítese farisaica do personagem de Chaplin em Tempos Modernos, o PT cresceu engabelando e anulando os dois PCs e ainda ofuscando o novo trabalhismo de Leonel Brizola. O resto é História e a História agora virou farsa, como que confirmando a velha e repetida tese de Karl Marx, o filósofo do comunismo que firmou seus conceitos sob o conforto do mecenato do amigo burguês Friedrich Engels. O PT de Lula virou o PT do mensalão. Na Veja, Valério confessa: "Lula era o chefe", "Dirceu era o braço direito do Lula, o braço que comandava", "o Delúbio dormia no Alvorada. Ele e a mulher dele iam jogar baralho com o Lula à noite", "O PT me fez de escudo, me usou como boy de luxo". "O Caixa do PT foi de 350 milhões", "Vão me matar". Ainda bem, a fala agora é minha, que alguns petralhas podem até escapar da cadeia, mas não escapam do câncer. (AM)

A impopularidade do governo Rosalba Ciarlini (DEM) segue subindo como um foguete também no interior, a exemplo de Natal. Rara é a cidade em que o índice de rejeição baixe dos 50%. Até na região Oeste, sua base política, há índices acima dos 60%.

CAMPEÕES DE VOTO

Na disputa pelas 29 cadeiras da Câmara Municipal de Natal, alguns candidatos aparecem sempre

na ponta das pesquisas, apesar de não haver segurança científica em aferição para vereador: Rafael Motta, Felipe Alves, Adão Eridam e Julia Arruda.

MATANÇA

Centenas de homossexuais estão sendo assassinados no Iraque por milícias e também por populares, numa perseguição moral que lembra as mais sanguinolentas ditaduras. Quando George Bush quis varrer aquela merda, os gays de esquerda metralharam-no.

ESOTÉRICOS

Não são poucas as pessoas que começam a se preparar para o "arrebatamento", que segundo as escrituras religiosas é o sumiço repentino dos escolhidos para escapar ao Armagedon, a batalha do juízo final. O sinal do fim dos tempos, dizem, foi dado.

CINEMA COLOR

O National Media Museum, de Bardford, Inglaterra, descobriu o que pode ser o primeiro filme colorido da história do cinema, dez antes de "River of Nilo", a fita de 1911 de autor desconhecido. As imagens de 1901 são do inglês Edward Turner.

ORIGEM PUNK

A mídia mundial está reconhecendo o pioneirismo da banda peruana Los Saicos, que seria a precursora do "punk rock" uma década antes das consagradas bandas Ramones, Sex Pistols e New York Dolls. Lima, e não Londres ou Nova York, foi a manjedoura.

BEATLES 50 ANOS Na terça-feira passada foi o quinquagésimo aniversário da primeira gravação oficial dos Beatles, em 11 de setembro de 1962, no estúdio da EMI, em Abbey Road, Londres. O compacto com as canções "Love Me Do" no lado A e "P.S. I Love You" no B foi definitivo para confirmar Ringo na bateria no lugar de Pete Best. Foi lançado em 4 de outubro tirando os Beatles da condição provinciana de Liverpool e dando-lhe brilho na metrópole. Em 2 de março de 1963, a música "Please Please Me" atingiu a ponta das paradas num fenômeno que espalhou-se pelo mundo e virou História. Logo mais, 22h, no bar Pitanga, beatlemaníacos de todas as gerações festejam os 50 anos dos Fab Four.

João Ricardo Correia jornalistajoaoricardocorreia@gmail.com / joaoricardocorreia@yahoo.com.br

CURSOS 2 O primeiro será ministrado pela advogada e mestre em Direito Previdenciário, Adriane Ladenthin, e abordará questões teóricas e práticas sobre a aposentadoria por tempo de contribuição com conversão dos períodos especiais em tempo comum. No dia 22, a presidente do IBDP e doutoranda em Direito Previdenciário, Jane Berwanger, fará um apanhado sobre a situação dos Benefícios Rurais na Previdência Social hoje e sua história. Segundo a Advocacia Geral da União a Aposentadoria Rural representa 30% das condenações do INSS. BATALHA Maravilhosa a luta do humorista Shaolin pela vida. Em cima de uma cama desde o ano passado, após acidente automobilístico, ele está completamente imóvel, mas permanece querendo viver. Bom começo. Amém!

VIOLÊNCIA 2 Dados fornecidos pela Secretaria Estadual de Segurança Pública e Defesa Social da Paraíba mostram que só este ano cem mulheres foram assassinadas no estado. No ano passado, foram 146 mulheres. Dos assassinatos de mulheres, 60% estão concentrados na capital e região metropolitana. João Pessoa é a segunda capital do país no número de assassinatos de mulheres, com 12,4 homicídios por grupo de 100 mil mulheres. A Paraíba é o sétimo estado em assassinatos de mulheres, segundo dados de 2012 do Mapa da Violência, elaborado pelo Instituto Sangari/Ministério da Justiça. O índice de homicídios no estado é de seis por 100 mil mulheres, bem acima da média nacional de 4,4. OPERACIONAL Excelente a atuação da Rota, grupo de elite da Polícia Militar de São Paulo. Bandido metido a ousado, que tenta matar policial, deve ser tratado à bala. E quem achar ruim que pegue um desses marginais e bote dentro de casa. FORROZEIRO Merecido o sucesso que está fazendo a banda Lengo Tengo, comandada pelo forrozeiro Raphael Balbino, filho do amigo Edvaldo Balbino, ex-comandante geral da Polícia Militar do RN. TEM CADA UM No debate entre os candidatos a prefeito de São José de Mipibu, na quinta-feira à noite, teve um deles que levou as prováveis respostas escritas em folhas. E quando respondia, se limitava a ‘colar’, sem acrescentar nada, mesmo que a resposta não ficasse tão de acordo com a pergunta. DESEJO Um final de semana repleto de saúde e paz a todos, agradecendo a companhia dos que prestigiam meu trabalho neste espaço.

De virar a cabeça

CURSOS O Instituto Brasileiro de Direito Previdenciário (IBDP) promove dois cursos em Natal, neste mês. No dia 21, “Aposentadoria por Tempo de Contribuição”, e no dia 22, “Benefícios Rurais”. Serão na sede da Ordem dos Advogados do Brasil, no bairro Cidade Alta.

Maurício Cuca

VIOLÊNCIA A Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) mista que investiga a violência contra as mulheres encerrou nesta sexta-feira, 14, seus trabalhos na Paraíba com a constatação de que falta um plano de segurança pública para a prevenção e o enfrentamento dos homicídios de mulheres no estado. Na passagem pela Paraíba, as integrantes da comissão estiveram em Queimadas, cidade onde ocorreu o estupro coletivo de cinco mulheres seguido do assassinato de duas delas, em fevereiro.

Campanha política esquenta em Parnamirim. A reta final promete. Maurício Marques continua na frente.

LIXO Será que se o lixo que está sendo despejado em ruas de Natal, por falta de coleta, fosse jogado todo em frente à casa da prefeita Micarla de Sousa, o problema não seria solucionado? Se houvesse a retirada de lá, é porque teria como haver dos outros pontos.

Para matar a sede Poucas sensações devem ser piores que a sede. Por isso, nosso amigo aí da foto não perdeu tempo e aproveitou para saciar-se no tubo que derramava na calçada. Há várias modalidades de sede: de amor, de vida, de saúde, de justiça... No contexto da vida, nos deparamos muitas vezes com a necessidade de ingerir algo que nos faça bem. Da mesma forma como o gatinho acima, poderemos ter a sorte de achar o ingrediente desejado e, então, tomarmos posse dele. Que a sua sede possa ser saciada!


12 O Jornal de HOJE

Cidade

Natal, 15 e 16 de setembro de 2012

Sábado e Domingo

Daniela Freire POLÍTICA E SOCIAL - daniela.freirecosta@yahoo.com.br w DESABAFO DE QUEM TRABALHA... O ex-diretor do Walfredo Gurgel, o médico Sebastião Paulino, continua utilizando o Twitter para denunciar o horror diário vivido por pacientes e funcionários que trabalham naquele hospital. >>> Ele relata a ausência total de estrutura, da mais básica a mais complexa. Falta tudo, segundo o médico. >>> "Estamos vivendo instantes de muito sofrimento. Não há tempo para embates inconsequentes. Precisam resolver os problemas com celeridade", escreveu ele, referindose aos debates político-eleitoreiros. w ...NO WALFREDO Sebastião Paulino ressalta que "a situação requer ação imediata" e que "são muitos os pacientes com necessidade de "Terapia Intensiva", com todos os riscos". >>> "Estamos iniciando o período crítico da semana, momento em que a violência urbana aumenta substancialmente. CRO do WG sem médico", alertou ele sobre o fim de semana. >>> Outro relato do médico foi feito sob o ponto de vista de quem sofre com a situação: "Não sei por quanto tempo suportarão tanta dor... São criaturas humanas com acentuado sofrimento, acomodados de maneira desumana, à espera do "Poder Público". É muita insensibilidade... Pacientes da ortopedia agonizam pelos corredores do WG. Até o momento presente, nenhuma solução". w TUDO EM CASA As campanhas adversárias do candidato a prefeito Hermano Morais estão com uma pulga atrás da orelha desde que uma matéria foi publicada no jornal O Estado de S. Paulo afirmando que o líder do PMDB na Câmara, Henrique Eduardo Alves, faz lobby no Tribunal de Contas da União para que o empresário Fernando Camargo obtenha o contrato de concessão da BR-101, entre o Espírito Santo e a Bahia. O negócio envolve cerca de R$ 7 bilhões... >>> A suspeita dos adversários do peemedebista é de que Camargo, que é sócio de Henrique na InterTV Cabugi, esteja fazendo o estilo "uma mão lava a outra" nesta campanha eleitoral...

Cedida

Senador José Agripino 'fuçando' o Twitter durante participação na CCJ do Senado

No 6º Congresso Internacional de Fisioterapia, no Hotel Pirâmide, o Presidente da Sociedade Brasileira de Fisioterapia, Dr. Wiron Correia Lima, com o professor Doutor e presidente do evento, Fábio Lisboa DeSaboya.com

Ana Heloisa, Amaury Fonseca, Ronaldo e Marília Borges curtindo o Discotecão Desaboya

DeSaboya.com

Soledade Fernandes e Suely Silveira no niver de D'Luca Mulheresnofds

w BORBOLETA É "PARADIGMA" Na semana em que declarou o voto em Carlos Eduardo e escreveu uma carta para justificá-lo, a prefeita Micarla de Sousa foi considerada "um paradigma para a política nacional" pelo jornal O Globo. >>> Na matéria, o registro de um percentual da pesquisa Ibope realizada na capital na semana passada: "ao perguntar aos natalenses como eles avaliavam a gestão da prefeita apenas 1% respondeu que a gestão era 'ótima' ou 'boa'. Para 92% dos ouvidos, a gestão era 'ruim' ou 'péssima'". >>> Sobre isso, a Borboleta respondeu ao O Globo: "Não é uma tarefa muito fácil alguém não ter sobrenome Alves nem Maia nesta terra de Reis". w MAIS APOIOS Na acirrada luta pela presidência da OAB/RN, o advogado-

candidato Aldo Medeiros Filho acaba de receber dois apoios pesados. Os escritórios de Felipe Cortez e Diógenes da Cunha Lima Neto deverão anunciar apoio a sua candidatura... >>> Para quem não se lembra, Felipe Cortez recentemente travou uma batalha jurídica pelo deferimento da sua candidatura ao Quinto Constitucional. >>> Já Diógenes da Cunha Lima deverá formalizar o apoio do seu escritório durante evento que estaria sendo organizado para anunciar a decisão. w NA FALTA DE AGRIPINO... A presidente do Mulher Democratas no RN, Anita Catalão Maia, está coordenando um evento de apoio ao candidato a prefeito do PSDB Rogério Marinho. >>> De acordo com Anita, o evento deve repetir o sucesso de anos anteriores, quando o DEM con-

seguiu reunir dezenas de mulheres para apoiar os candidatos dos partidos aliados. "Esse é um evento tradicional que o Mulher Democratas sempre realiza em ano eleitoral na capital potiguar. É uma maneira que escolhemos para demonstrar nosso apoio aos candidatos aliados e ao mesmo tempo revelar a importância de propostas bem elaboradas dirigidas ao público feminino", declarou. >>> O evento vem sendo chamado de "Encontro das amigas de Rogério" e será realizado na próxima terça-feira (18), a partir das 17h30, no Hotel Arituba. w GIRO PELO TWITTER... ...do deputado e candidato a prefeito de Natal Fernando Mineiro: "Enquanto os candidatos dos Alves batem boca, eu debato a cidade"; ...do jornalista Jorge Bastos Moreno: "Até quem não gosta da Marta reconhece que há

uma expectativa muito favorável ao seu desempenho na Cultura. Que bom para o país!"; ...do Governo do RN: "A governadora Rosalba Ciarlini vai convocar 40 agentes penitenciários já no início da próxima semana". w CHEGANDO... Já está sendo preparada a primeira edição da Casa Cor no RN, que deverá ocorrer entre os dias 9 de outubro e 20 de novembro. >>> O evento promete 'bombar' junto ao setor de projetos de arquitetura e decoração de ambientes. >>> Participarão da ocasião fabricantes de produtos, profissionais de arquitetura e o consumidor final, principalmente os que pertencem às classes A e B. Como, por exemplo, a arquiteta Olga Portela, responsável pelo ambiente "Sala do Colecionador", que é apoiada pela Construtora Hazbun. Adriana Degreas, SPFW

Cantinho do Zé Povo BOB MOTTA - bobmottapoeta.com.br - bobmottapoeta@gmail.com - Telefone: 9965-6080

Mestre Bastos Macena É, amigos (as)! A cultura popular do Rio Grande do Norte ficou mais pobre no início dessa semana que hoje se finda. Morreu meu querido e amado Mestre Bastos Macena, de Paraú-RN, que na pia batismal recebeu o nome de Sebastião Damasceno de Araújo. Para seus conterrâneos e para aqueles que nem esse amigo de vocês, que tiveram o privilégio e a felicidade de viver e conviver com esse figuraço do folclore do sertão Norte-Riograndense, a perda é irreparável. Bastos "viajou" aos noventa e dois carnavais, muito bem brincados, diga-se de passagem. Foi meu primeiro professor, aquele que me ensinou como fazer e como metrificar um verso, uma estrofe, uma glosa, uma trova, um poema. E meu aprendizado com o dito, cujo, referido; era sempre no tocante a "versos fesceninos", que são aqueles versos nos quais, o poeta nunca mascara a geografia do corpo humano, com a roupagem pesada e quase sempre hipócrita dos nomes científicos... A primeira glosa que ouvi dele, tinha como mote, "Oziel pegou bem cedo/ Zé Fumêro dando o C...". E a glosa dizia que "Na phoda teve torpêdo,/ qui êle mêrmo criô./ O bêsta se discuidô/ e OZIEL PEGÔ BEM CÊDO./ Êle oiô, correu cum

Cedida

mêdo,/ da catinga de arubú./ O marica quage nu,/ cum um minino na rabada,/ qui nuvidade danada;/ ZÉ FUMÊRO DANDO O C..."! Não se assustem, escrevo na íntegra, sem tirar nem pôr uma única vírgula ou reticência que seja, pois a minha intenção não é chocar ninguém, absolutamente. A imoralidade, já me foi dito, não está no que o povão fala ou escreve; mas nas mentes impregnadas pelo falso puritanismo. O fato foi real, e a testemunha ocular do presepe, foi Oziel Santiago, de AssúRN, que flagrou o menino "guarnicendo ais parte" de Zé Fumêro. Oziel então, levou o fato ao mestre Renato Caldas, que escreveu o mote e glosou para deleite da "rapaziada da época". E Bastos, ficava comigo no acampamento da pesquisa de schelitta que eu tomava conta na Fazenda Cachoeira da Forquilha, do então Cel. Silvestre Veras, em Paraú-RN. À noite, enquanto alguns garimpeiros subiam a serra em busca de caça; diga-se tatu, tacaca e outros bichos, nos ficávamos na beira do fogo, nas redes, ouvindo atentamente as estória e as glosas que nosso mestre Bastos Macena nos passava. E não foi apenas e tão somente essa glosa que aprendi com Bastos; foram "n" outras glosas, que

ainda hoje declamo, dependendo do público que me assiste no momento. Tomamos "carraspanas homéricas"; como da vez que levamos "Tonhíin de Eduardo" prá birita; e ele, que era encarregado de apagar o motor de luz da cidade, arriou bêbado e veio apagar o motor a uma da matina. E o motor deveria ser apagado às 21:30h... Foi esse cara, que a exemplo de meu compadre Júlio Prêto, de Ramiro Capitão, de Teimoso, Seu Chimba, o Véio Fulêro, Chapéu Cagado, Salustro e tantos outros que me ensinaram as coisas e raízes do povão; foi esse "AMADO MESTRE", como diria o também saudoso Rolando Lero; que o Rio Grande do Norte perdeu no início dessa semana. Bastião; além de mestre, você me deu a alegria e a felicidade de poder lhe chamar de AMIGO... Bastião, saudoso AMIGO;/ eu te defino assim:/ Conhecia meus defeitos,/ inda gostava de mim... Tem um mundão de gente "do outro lado", esperando tu acordar no hospital espiritual, para te dar as boas vindas. Fica com Deus e com os nossos que se foram antes de ti. De uma coisa, eu tenho a mais plena certeza: As plagas celestes, certamente estão mais enriquecidas com tua chegada. Deus te tenha!...


Cultura

Sábado e domingo

Natal, 15 e 16 de setembro de 2012

O Jornal de HOJE 13

Cena Urbana VICENTE SEREJO - serejo@terra.com.br w PREÇO O candidato Carlos Eduardo Alves começa a pagar um preço caro pelo seu destempero emocional com os amigos de Garibaldi Filho – 'o senador de um milhão de votos' – num desagravo em grande passeata. w ESTILO A governadora Rosalba Ciarlini, numa semana, aprovou R$ 11,2 milhões para as reformas do teatro e da Rodoviária de Mossoró com a saúde em estado de calamidade e trinta corpos humanos no pátio do Itep. w ATENÇÃO - I O médico Isaú Gerino Vilela da Silva pode não suportar a falta do apoio prometido e deixar a Secretaria da Saúde, coisa que quase já fez. Já o secretário da Administração, Antônio Nóbrega, não. Este pode cair. w ALIÁS - II Houve um atrito, mas já superado, entre Isaú Gerino, da Saúde, e Obery Rodrigues, do Planejamento, por dificuldades na liberação de recursos essenciais e inadiáveis. Onde falta pão ninguém nunca tem razão. w QUAL? Na hipótese de um segundo turno qual seria o papel da ex-governadora Wilma de Faria na campanha do candidato Carlos Eduardo? Discreto e menor, como tem sido até agora, ou terá um peso determinante? w ESTILO - I Poucos sabem: antes da campanha municipal a governadora Rosalba Ciarlini assinou e mandou publicar no Diário Oficial o ato de nomeação do marido, Carlos Augusto Rosado, para a chefia da Casa Civil. w REAÇÃO - II Horas depois, à noite, com o DOE pronto para impressão, o ex-deputado desistiu da nomeação por achar que sem cargos ficaria livre para comandar a estratégia de campanha de Cláudia Regina, em Mossoró.

Triste e feliz G

osto muito, Senhor Redator, de lembrar uma frase de Brito Broca no ensaio sobre Machado de Assis e a política, quando confessa que a sua 'primeira amizade literária foi José de Alencar'. É o meu caso, e com muito gosto. Tenho nos olhos, e carrego como um legado da infância, os dorsos enfileirados dos seus livros na pequena estante do meu pai. Aqueles volumes com capas impressas em marrom e sua pequena humanidade de nomes próprios: Lucíola, Diva; ou os seus índios - Guarani, Ubirajara, Iracema. Talvez até fosse mais pedante dizer que muito cedo, nem saído da meninice, já lia Machado de Assis. Ora, pra quê? O bruxo do Cosme Velho apareceu muito tempo depois, na biblioteca do Atheneu. Pra falar a verdade, e se não espanta o leitor, até hoje tenho em José de Alencar uma velha companhia. É tanto que um dia, numa feira de livros, em Fortaleza, parei na porta de uma sala e fiquei ali, encantado, ouvindo o resto da palestra de uma professora sobre Iracema, a virgem inesquecível dos lábios de mel. Durante anos e anos, quando a memória era confiável e não lambia as feridas amargas do adulto, sabia citar todos os títulos na mesma ordem da contracapa daquelas edições Melhoramentos. Era como se cada capa fizesse parte de um mural: Cinco Minutos, A Viuvinha, Diva, Encarnação, O Ermitão da Glória, A Alma de Lázaro. Iracema vinha mais ou menos no meio da relação, logo depois Lucíola e bem depois de Til, O Tronco de Ipê e Ubirajara. Para não falar n'A Guerra dos Mascates e Pata da Gazela.

E fiquei assim, Senhor Redator, com esse defeito de alma. Não sei abandoná-los, fazê-los órfãos de um velho bem-querer. O tempo engoliu a pequena coleção do meu pai. E do naufrágio que se abateu, trágico e inevitável, só encontrei na casa do meu avô, de janelas já apagadas, na Rua José, em Macau, ali onde São Jorge enfrentava um dragão todos os dias na sala de visita, os dois volumes do dicionário de Cândido de Figueiredo e os dicionários de Jayme de Séguier e Aurélio Buarque, até hoje comigo. Nunca consegui refazer, completa e perfeita, a coleção dos livros de José de Alencar na edição popular da Melhoramentos. Mas vou levando o sonho, aceso como as lamparinas da infância. Até agora tenho só quatro volumes que uma vez encontrei num sebo velho e empoeirado, no Largo do Arouche, em São Paulo. Não são os mesmos, mas é um fetiche vê-los iguais, as mesmas capas que conheço tanto e há tanto tempo, alisando a alma envelhecida, agora que todas as suas ilusões já dobraram a esquina. Não há neles nenhuma utilidade. Pra quê? Vê-los faz parte das coisas do coração. E, no entanto, viveria um tempo em São Paulo, sem demora e sem pressa, só procurando todos aqueles volumes da coleção Melhoramentos. Como se das suas capas tão amarelecidas pelos anos saltassem todas aquelas figuras refazendo um tempo imenso de vida. Com seus personagens, seus risos e seus prantos, num cortejo mágico pelas ruas da infância, desenhando tatuagens no peito e num espetáculo triste e feliz.

LBV completa 35 anos em Natal e promove dia de festividades FILA

DE ESPERA TEM MAIS DE

A Legião da Boa Vontade (LBV) está celebrando seus 35 anos de atuação na capital potiguar e em alusão à data, ontem realizou diversas atividades com as crianças, adolescentes e mulheres que são atendidas. A entidade é mantida por doações e atualmente atende 150 crianças, 125 adolescentes, 30 idosos e 40 mulheres que vivem em situação de risco. Além do trabalho realizado na própria sede, localizada na Rua dos Caicós, 2148, Dix-Sept Rosado, a LBV também atende crianças, adolescentes e mulheres da comunidade Monte Castelo no Planalto, duas vezes por semana. Segundo a gerente municipal da LBV, Oderlândia Galdino, a doação é sempre difícil, pois as pessoas que têm intenção de doar acabam esbarrando na 'desconfiança' de passar o número do CPF, já que esta é feita através da conta de luz e a informação é necessária. Nestes casos, a pessoa pode depositar o valor doado na conta da LBV Natal no banco Bradesco Agência 0292-5 e conta corrente 92830-5. Entretanto, Oderlândia garante que prefere receber a doação de alimentos, cestas básicas, roupas, brinquedos, livros didáticos e infantis. "Nossa equipe não pega dinheiro por causa dos assaltos, que eram constantes", informou. A LBV oferece 300 refeições diárias e as crianças e adolescentes assistidas ficam na instituição no contraturno da escola, quando aprendem música, danças e tem reforço escolar. As mulheres fazem cursos de pintura em tecido, bordado, entre outros, que as qualificam em atividades que pode fazer com que elas ganhem dinheiro, ajudando no orçamento familiar. Diariamente são utilizados 6kg de feijão, 8 kg de arroz, 15 pacotes de macarrão, 15 kg de carnes diversas, e outros gêneros alimentícios. Na Legião da Boa Vontade as crianças são orientadas também para um hábito higiênico, escovando os dentes a cada refeição. As da manhã tomam café, lancham e almoçam,

w MAS - III A ideia não foi engavetada na residência oficial nem adormeceu no sentimento da governadora. Carlos pode ser nomeado ainda este ano até para ajudar sua mulher nos tempos de bonança previstos para 2013.

200

CRIANÇAS AGUARDANDO OPORTUNIDADE Herácles Dantas

w LUTA De Mossoró chegam notícias de que a vitória da candidatura de Larissa Rosado depende da capacidade de resistência dela mesma. Se suportar o rolo compressor que já se move com a força de duas máquinas. w PRECISA? Ao declarar que Mossoró precisa 'de um gestor que tenha zelo pela coisa pública', a candidata Cláudia Regina se referia a quem nas últimas décadas: DixHuit, Rosalba Ciarlini ou Fafá Rosado? É estranho. w PAUTA O caderno do Diário Oficial de Pernambuco entrevista Ronaldo Correia de Brito e tem um belo ensaio de Raimundo Carrero sobre solidão e dor no romance 'Tudo o que tenho levo comigo', de Herta Müller. w DESTAQUE A independência, heróis e vilões, é o tema de capa de 'História', da Biblioteca Nacional. O dossiê Cult é sobre Rousseau e 'Carta Capital na Escola' fez edição sobre Edgar Allan Poe – 'O gênio do terror'. w FILHOS Chega com a marca de talento do tradutor Eric Nepomuceno o livro mais recente de Eduardo Galeano 'Os filhos dos dias', edição L&PM. É dele: 'O fogo era o destino das palavras que nasciam no inferno'. w JORNAIS Para Marco Emerenciano: Estavam ótimos os jornais de Portugal e Espanha que você fez chegar a este porto, navegando como barcos de papel carregados de tantas notícias do outro lado do mar. Gratíssimo. w POESIA Das 'frases de marear', da primeira página do 'Diário de Notícias', de Lisboa, navegantes como o mar português, estes versos de Ana Luísa Amaral: ' Rimando no meu mar com o seu mar / que é outro e tão diferente'.

APROJETO DE LEI É APROVADO NA ASSEMBLEIA LEGISLATIVA Os deputados estaduais votaram na manhã de quarta-feira, 12 de setembro, o Projeto de lei 1414/12 que prevê o reajuste nas gratificações dos servidores da saúde com posterior incorporação parcial. A conquista foi fruto da greve de 60 dias feita no primeiro semestre desse ano e de muito esforço da direção estadual que não mediu esforços para que o governo cumprisse o acordo. A votação ocorreu em regime de urgência devido ao atraso no envio por parte do governo. O reajuste será de 22% na GAE (Gratificação de Atividade Estadual) e de 11% para a Jornada Especial, em setembro. Em março de 2013 haverá outro reajuste, também de 11% na Jornada. A incorporação está prevista para ser feita em duas parcelas de 25%, uma em junho de 2013 e outra em março de 2014. O projeto foi aprovado por unanimidade pelos 19 deputados presentes. O projeto agora aguarda a sanção da governadora e a publicação no Diário Oficial do Estado.

DEBATE PROMOVIDO POR SINDICATOS DISCUTE SAÚDE

Dezenas de crianças, adolescentes, mulheres e idosos recebem apoio nas áreas de educação e assistência social indo para o colégio. As crianças da tarde, que vem do colégio, almoçam e lancham mais reforçadamente, valendo como jantar, uma vez que as atividades são encerradas às 17h. Atualmente tem 200 crianças na fila de espera aguardando uma opor-

casa. Neste caso passamos para a assistente social que vai trabalhar o assunto", conta a gerente. Encerrando as comemorações do aniversário da LBV em Natal, ontem à tarde houve apresentações culturais, com peças de teatro e dan-

‘ ’ “Preferimos receber doações em alimentos, roupas, brinquedos, livros. Nossa equipe não pega dinheiro por causa dos assaltos, que eram constantes”. ODERLÂNDIA GALDINO GERENTE LBV NATAL

tunidade de ser atendida pela LBV. Por não ser uma entidade religiosa, as crianças passam por um momento ecumênico, onde aprendem a rezar o pai nosso e se trabalha muito a questão da família. "Tem crianças que pedem para ficar mais tempo aqui porque não querem voltar para

ças folclóricas realizadas pelos adolescentes, também atendidos no local, e com o Coral Infantil Boa Vontade. Na oportunidade foi cantado os parabéns à LBV e os colaboradores e voluntários destaques da Instituição foram homenageados com o Diploma Mérito em Solidariedade.

As crianças hoje atendidas na LBV residem nos bairros de Dixsept Rosado, Quintas, Nazaré, Cidade da Esperança e Cidade Nova.

SERVIÇO Confira as formas de colaborar com a LBV: Através do telefone: 3616-1655, para a doação de roupas, alimentos e livros. Um veículo da instituição está disponível para a busca. No endereço da sede, na Rua dos Caicós, 2148, Dix-Sept Rosado, de segunda a sexta feira das 8 às 17h30, exceto aos feriados. Telemarketing, através de telefonema com inclusão na conta de luz por um ou mais meses. Diretamente no Bradesco, agência 0292-5 conta corrente 92830-5

Os sindicatos da área da Saúde Pública do Rio Grande do Norte promoveram na manhã de terça-feira, 11 de setembro no auditório do Sindsaúde um debate entre os candidatos a prefeitura de Natal. Estiveram presentes os candidatos Hermano Morais (PMDB), Carlos Eduardo (PDT),Fernando Mineiro (PT)e Robério Paulino (PSOL). Eles discutiram os problemas e as propostas exclusivas para a área da saúde. O debate promovido pelo Sindsaúde, Soern e pelo Sinmed foi intermediado pelo jornalista Robson Carvalho que iniciou o evento lendo as justificativas pelas ausências enviadas pelos candidatos Roberto Lopes (PCB) e Rogério Marinho (PSDB). Em seguida foi dado início ao debate com as perguntas formuladas pelos sindicatos. Por fim foi a vez das considerações finais do debate. Apesar do aviso mediador que pediu para que os candidatos evitassem ataques pessoais, o clima esquentou quando o deputado Hermano Moraes acusou o candidato Carlos Eduardo Alves de ter abandonado o seu partido PMDB na época em que foi eleito vice-prefeito na chapa de Vilma devido a exigências dela. Carlos Eduardo se alterou e com o dedo em riste chamou o deputado de mentiroso. O mediado conseguiu contornar a situação e tudo foi finalizado. Ao final o presidente do sindicato dos médicos, Geraldo Ferreira leu um documento pre-

parado pelos sindicatos no qual estavam as diretrizes que o movimento dos trabalhadores espera de qualquer um que seja eleito.

SINDSAÚDE PARTICIPA DE MARCHA EM DEFESA DA PEDIATRIA DO RN Na manhã deste sábado o Sindsaúde participa de uma marcha em defesa dos serviços de pediatria do RN. A manifestação teve concentração em frente ao Pronto Socorro Infantil Sandra Celeste, localizado na Avenida Jaguarari, em Natal. Bem como os médicos dos hospitais Memorial e Médico Cirúrgico (parados há uma semana), os médicos da Coopmed-RN, lotados no Sandra Celeste, suspenderam as atividades neste sábado. A paralisação do pronto socorro infantil se deve ao não pagamento dos salários pela Prefeitura de Natal. A obstetrícia e pediatria das maternidades Felipe Camarão e Leide Morais pararam na sexta (14). Já no hospital Santa Catarina, que só está funcionando durante o dia desde o dia 1º de setembro, será no dia 21.

SERVIDORES DA SAÚDE SE REÚNEM MAIS UMA VEZ PARA DISCUTIR SOBRE O PONTO ELETRÔNICO Assembleia dos servidores estaduais de saúde exclusivamente para tratar dos problemas decorrentes da implantação do Ponto Eletrônico ocorre nesta terça-feira, 18 de setembro, no auditório do Sindsaúde, a partir das 14h30.

COMISSÃO ELEITORAL QUE IRÁ CONDUZIR ELEIÇÕES DO SINDSAÚDE FOI ELEITA EM ASSEMBLEIA NESTA SEXTA Em assembléia bastante concorrida na manhã de sexta-feira, 14 de setembro, no primeiro andar do prédio da Secretaria Estadual de Saúde Pública foi eleita a comissão eleitoral que irá conduzir as eleições do Sindsaúde no final do ano. O clima refletiu a disputa que vem marcando os movimentos de luta dentro do sindicato com a divisão em duas chapas. Serão responsáveis pelas eleições Marcelo Tinoco e Robério Paiva do sindicato dos bancários, Sineide Lima do Sinai, Tomás da oposição rodoviária e Caio da oposição petroleira, todos integrantes da CSP Conlutas.

SERVIDORES MUNICIPAIS SE REÚNEM EM ASSEMBLÉIA NA PRÓXIMA QUINTA No próximo dia 20, quina-feira, ocorre assembleia para apresentar as respostas dadas pela administração municipal nas últimas audiências com as secretarias municipais e o Sindsaúde. No auditório do Sindsaúde, a partir das 14h30.


Natal, 15 e 16 de setembro de 2012

14 O Jornal de HOJE

Cultura

Sábado e Domingo

Fotos Divulgação

MARLY MELLO E JOTO GOMO APRESENTA A EXPOSIÇÃO “EU E TU” NESTE SÁBADO E DOMINGO ARTISTAS MOSTRAM O RESULTADO DE 10 MESES DE INVESTIGAÇÃO E CONVIVÊNCIA ARTÍSTICA que gostar ou não gostar. Basta observar”, explica o artista. E, Joto Gomo continua o pensamento afirmando que, “Mas, também ninguém é obrigado a aceitar. A arte contemporânea é a mais próxima da gente. É o nosso dia-dia. E, eu acho que o mundo atual está assim mais difícil de entender, mais seco, menos romântico... mas, por outro lado acredito que está mais humano. Afinal, não se falou tanto em qualidade de vida”. Enquanto Joto conversava comigo. Marly não parava de mover uma coisa para um lado e outra para o outro. E, ao término da entrevista, Marly grita esbaforida e sempre feliz, “Não esqueça de convidar o público em geral. Porque “Eu”, eu já conheço que sou eu e “Tú” quero conhecer agora (o “Tú” no caso são vocês, o público).

DANIELA PACHECO EDITORA DE CULTURA

Um misto de alegria, aprendizado e estética. Foi o sentimento após o bate-papo com Marly Mello e Joto Gomo. A proposta era uma entrevista para O JORNAL DE HOJE. Mas, o encontro mostrou muito mais... a palavra que rodeava a todos era transformação. E, foi assim que Marly de imediato, sem pensar, com seu jeitinho alegre e calmo, disse quando questionada sobre o que significava esta exposição, “Ai, menina... posso falar o que vem primeiro na minha cabeça... acho que para mim essa exposição pode ser traduzida numa palavra – transformação”. Intitulada de “Eu e Tu”, os artistas Joto Gomo e Marly Mello, apresentam neste sábado (15) e domingo (16), das 10h às 16h, no espaço efêmero Casa da Geny (Av. Alexandrino de Alencar, 485 A, Alecrim – próximo ao Clube Atlântico), a mostra que é o resultado de 10 meses de investigação e convivência artística no atelier Lamparina do Mundo, em NatalRN. E, a entrada é gratuita. O artista plástico Joto Gomo conta que esta Mostra, “é uma transformação no nosso processo de artista, não somente eu e ela, mas, queremos abrir um diálogo entre os artistas, o meio e a sociedade como um todo”. O espaço escolhido para realizar esta exposição sai do que geralmente é visto por aqui em terra de Poti. Será no Alecrim, na Casa de Geny. Uma mulher forte, hoje em dia com 94 anos, que permitiu aos artistas esta iniciativa. Sem parar de montar toda a Mostra, entre pegar um objeto aqui e colocar outro ali, Marly e Joto seguia con-

tando um pouco disso tudo. Marly encantada com tudo aquilo, fala “Geny não mora mais aqui. Morou aqui por 70 anos. Mas, ela está aqui de alguma forma. É fácil sentir um pouco dela pelos corredores. Ela foi uma benzedeira bastante conhecida por aqui. Até porque esta casa não é apenas um monte de parede, ou uma vitrine qualquer, ela faz parte do processo. Integra a Mostra não como uma galeria e sim como parte atuante da mostra”. Como se tudo não saísse do enredo da transformação. A casa que agora se transformou em obra de arte. Joto Gomes também morou lá. O filho da Geny conta ainda

que, “o que queremos é provocar. E, quem sabe um despertar um sentimento de que podemos fazer arte e deixarmos de nos permitir sermos vítimas dessas gestões políticas. Como exemplo, não deixar de expor porque não se tem um espaço adequado ou apoio. Existe uma necessidade de se ter uma transformação no segmento e mercado cultural potiguar como um todo. O que a gente quer é deixar uma porta aberta”, declara Joto Gomes. O potiguar Joto Gomo, depois de anos de carreira no Rio de Janeiro, volta, em 2011, para Natal, onde reencontra a amiga artista

Marly Mello, paraense radicada na cidade. Juntos, montam o atelier Lamparina do Mundo e seguem produzindo seus trabalhos. Depois de 10 meses de pesquisa e produção, os artistas levam a público o resultado da parceria artística. São mais de 10 obras inéditas, dentre pintura, objeto, assemblagem, fotografia e performance, que refletem o universo poético e inquietante da dupla. No domingo, também a partir das 10h, os artistas participam de um bate papo com o público, onde falarão dos trabalhos, da convivência no atelier e de outros temas como a diferença entre os mercados de arte do eixo Rio-São

Paulo e Natal, assim como questões estruturais de falta de galerias, de instituições culturais fortes e de público consumidor na cidade. “A arte contemporânea é difícil. Porque até você dar entendimento do que é a arte contemporânea. Mas, isso aconteceu com todas as escolas ao surgir, foi assim com o Cubismo, Impressionismos, entre outras. Agora já saímos do Modernismo. E, é difícil fazer o entendimento. Também é muito difícil entender o hoje. Mas, como vivemos na era da informação, acredito que a aceitação virá rápido. Porque entender. Bem, a arte contemporânea não se precisa entender. Não tem

SOBRE OS ARTISTAS Joto Gomo é potiguar, artista visual e pesquisador. Estudou nas instituições de arte Solar Bela Vista (Natal-RN), Guaíra (Curitiba-PR), Universidade Bennett Rio (Rio de Janeiro-RJ), Arte Contemporânea no EAV Parque Lage (Rio de Janeiro-RJ), MAM (Rio de Janeiro-RJ) e Capitania das Artes (Natal-RN). Marly Mello está há 30 anos no mercado da arte. Nascida em São Domingos do Capim (PA) em 1955, reside em Natal desde 1993. É artista visual e arte-educadora, com formação em Arte Visuais pela UNP (Natal-RN). Pesquisa materiais diversos em Belém (PA), tem exposição e cursos nas instituições: Casa de Cultura em Mossoró, Fundação José Augusto, Biblioteca Câmara Cascudo, Fundação Capitania das Artes, Solar Bela Vista e Secretaria de Educação do RN.

Cultura HOJE DANIELA PACHECO - danipacheco@hotmail.com

com Dani Pacheco

HOJE Uma boa pedida para quem quer se soltar e cair na dança. É a Festa da Tequila, que acontece a partir das 22h, como shows das bandas Perfume de Gardênia (ritmos latinos) e I’m Not Cat Now (brega), no Arena Hall (Av. Afonso Pena, 501, Petrópolis). RESTART A banda apresenta canções do mais recente álbum, “Geração Z”, amanhã, dia 16, às 18h, no Porcino Park Center, em Mossoró. Informações: 8899 8833 / 9647 433. DOMINGO ANIMAL Neste domingo (16), das 15h às 21h, o Praia Shopping recebe mais uma edição do “Domingo Animal”. A feira de filhotes de estimação contará com palestras de veterinários, bate-papo com criadores, apresentação de novidades do mundo pet e desfile de animais. Esta é também uma oportunidade para a criançada se divertir com oficinas de pintura e personagens que fazem referência ao mundo dos bichinhos. A participação é gratuita e acontece em frente a Potylivros. Vale a pena conferir! UM CÉU DE MELODIAS Traduziria a cantora que neste domingo (16) às 20h, se apresenta no Teatro Riachuelo. Céu, considerada um dos expoentes da música brasileira contemporânea, apresenta ao público potiguar o o seu terceiro disco “Caravana Sereia Bloom”.

DOMINGO O Centro Cultural DoSol abre suas portas amanhã, a partir das 16h, para o show do grupo paulista Bullet Bane. O evento conta ainda com a participação das bandas Decadence, Driveout, Ação Libertária, N.T.E., Nova Hollanda (PE) e White Myself.

MUSICAL INFANTIL A Cia Monicreques estreia neste domingo (16), o musical ‘’Sítio do Pica Pau Amarelo’’, às 17h no Teatro Alberto Maranhão. Os personagens Pedrinho (Lázaro Martins); Narizinho ( Analú Campos); Emília (Thianna Câmara); Visconde (Kako D’Ravena); Rabicó, Jaboti da Emília, Besouro e Milharal (Flávio de Nascimento); Cuca e Milharal (Jocélio Nunes) cantam e dançam num bonito espetáculo baseado na obra de maior sucesso do mestre Monteiro Lobato.


Esporte

Sábado e Domingo

Natal, 15 e 16 de setembro de 2012

O Jornal de HOJE 15

Fotos: Wellington Rocha

Treinador Roberto Fernandes: "O torcedor tem razão de estar p... da vida, mas não perdemos para um time qualquer"

Para completar a noite ruim, o América ainda perdeu Netinho e Ricardo Baiano, que deixaram o campo com lesões

Até dentro de casa

AMÉRICA JOGA MAL, PERDE PARA O SÃO CAETANO POR 2 A 0 E VÊ DISTÂNCIA PARA O G4 CHEGAR A 10 PONTOS. PARA COMPLETAR, PODE AINDA PERDER MAIS UMA POSIÇÃO NA CLASSIFICAÇÃO E FECHAR A RODADA EM 11º LUGAR Que a campanha fora de casa não é nada boa, todo mundo sabe. Porém, no Nazarenão, a esperança do torcedor alvirrubro está sempre em nível máximo. A excelente campanha em casa é o grande alicerce do retrospecto positivo na Série B e quando o América vai jogar em casa todo mundo já sabe: o bicho vai pegar. Ontem pegou, mas só que ao contrário. O América enfrentou um time que também tem um retrospecto bem considerável: o de visitante mais indigesto da Série B. O São Caetano venceu por 2 a 0, com dois gols de Danielzinho, e chegou a nova vitória em 13 jogos longe de seus domínios. "Foi um jogo equilibrado, mas tivemos mais posse de bola e mais oportunidades para fazer os gols. A partir da contusão de Netinho e do gol sofrido sentimos o golpe. Além de tudo, esbarramos em uma

equipe extremamente organizada. É um resultado que não contávamos com ele, mas eles foram merecedores", afirmou Roberto Fernandes, que sabe que a possibilidade de retornar ao G4 é extremamente difícil. O confronto direto com o São Caetano fez o azulão, quarto lugar na Série B, abrir 10 pontos de vantagem para o América. "O América chega a um momento da competição que temos que jogar a máquina de calcular fora. Temos que jogar jogo a jogo. Não estamos livre do rebaixamento, mas não estamos fora da briga pelo G4. Não quero mais fazer projeções. É pensar exclusivamente jogo a jogo", completou o treinador. Para completar, além de perder o jogo, o América terminou o jogo com baixas significativas. O meia Netinho e o volante Ricardo Baiano deixaram o gramado com

lesões musculares e ainda não há uma definição certa em relação a gravidade das lesões. Ambos serão reavaliados no decorrer da semana. "Depois de um bom tempo eu tinha o cara de iniciar as jogadas e as projeções de bola parada, que era o Netinho. Perco um organizador. A saída dele realmente foi crucial para o restante do jogo", lamentou Roberto, que também justificou a falta de ritmo de jogo para não começar a partida com Norberto. "O Norberto ficou claro que não era o correto começar o jogo com ele. Tem outros jogadores que tem essa situação. Ele está sem ritmo de jogo", completou o treinador. Com o fim da janela de contratações chegando ao fim, Roberto Fernandes sabe que terá de contar com o atual grupo até o final do campeonato. "Eu tenho muita tranquilidade em relação a isso.

Temos absoluta noção do momento que vivemos. Estamos jogando fora de Natal e isso é um complicador. A banda tocaria bem diferente se jogássemos em Natal. Isso na ponta do papel pesa muita principalmente no lado financeiro. A carência em posições existe e isso depende do lado financeiro. Agora não é mais o momento de trazermos um jogador para colocálo em forma e entrar aos poucos. Se tiver uma condição de contratação em uma posição que estamos carentes e ele valer a pena, vamos buscar." Um bom alento para Roberto Fernandes é o descanso na tabela de jogos. "Agora vamos para quatro rodadas com jogos só nos finais de semana. Ou seja, poderemos treinar um pouco", finalizou. O América se mantém em 10º lugar com 36 pontos pelo menos até o fechamento da rodada na

tarde de hoje, mas pode ser ultrapassado pelo Guarani, que enfrenta o líder Vitória. O alvirrubro vai precisar de forças para buscar

melhores resultados, principalmente porque agora terá dois jogos em sequência fora de casa, Asa de Arapiraca e Guarani.

Fora de casa, ABC tem jogo decisivo Um embate que vale a tranquilidade de permanecer longe da zona de rebaixamento. O ABC está em Alagoas, onde enfrenta na tarde de hoje, 16h, a equipe do CRB. Os potiguares somam 28 pontos, enquanto o time de Maceió tem 27. Com a vitória do Guaratinguetá na noite de ontem, ambos viram a diferença para a zona de rebaixamento diminuir mais três pontos. Se o ABC já tinha conseguido abrir

nove pontos para a zona, vê novamente o perigo se aproximar. Por isso, vencer na tarde de hoje é fundamental. O time de Ademir Fonseca conta com o retorno de Éderson, que cumpriu suspensão na última rodada. Por outro lado, não poderá contar novamente com Elionar Bombinha, que está afastado por lesão. Outro desfalque é o volante Guto.

BARAÚNAS

DOIS JOGOS PARA A SÉRIE C O Baraúnas está na cidade de Campina Grande, na Paraíba, onde hoje, 20h, começa a decidir o seu futuro na Série D do Campeonato Brasileiro. É dia de começar o matamata contra o Campinense por uma

vaga na terceira divisão do próximo ano. O time mossoroense vem fazendo excelente campanha e na última rodada eliminou outro paraibano, o Sousa. O técnico Wassil Mendes terá

reforços importantes para o confronto. Sorato, Michel e Nildo, que cumpriram suspensão na última rodada estão de volta. Alvinho novamente está confirmado no ataque ao lado de Gilmar. O atacante estreou

recentemente emprestado pelo ABC, e marcou um dos gols da vitória que classificou o tricolor para a fase decisiva. "Precisamos ter cuidado com o Campinense. É um time de tradição

Gabriel Negreiros GABRIEL NEGREIROS - gabrielnegreiros@gmail.com - twitter: @gabrielnegreiro PERDIDO NA PRÓPRIA IDENTIDADE Algumas vezes escrevi sobre a vocação ofensiva do time do América comandado por Roberto Fernandes. O que talvez exista de diferente, e que ontem me pareceu bem claro, é que vocação ofensiva é bem diferente de desespero ofensivo. Pelas características dos jogadores que tem, o time jogava assim naturalmente. Talvez, a principal diferença seja o momento vivido pelos jogadores. Exemplo: Sem Norberto, o time perdeu uma das melhores características, a da velocidade e apoio constante pelo lado direito do campo. Alie-se a isso a dificuldade encontrada por Wanderson nos últimos jogos. Os buracos deixados na zaga em diversas situações parece estar impedindo o lateral esquerdo de manter a característica que lhe deu a titularidade. Por falar em não viver um bom momento, que tal analisar o rendimento de Fabinho, que nem de longe é aquele que atuou no estadual e manteve o rendimento nas primeiras rodadas. O meia Netinho, apesar de ter mostrado avanços, não chega nem perto do Junior Xuxa do início da Série B. Talvez se iguale com o Xuxa do estadual. E no ataque, pelo menos ontem, Isac voltou a ser "O Isac do

estadual", que desperdiçava oportunidades claras o tempo inteiro. Porém, o que mais me incomoda no time do América é ver Lúcio Curió sem alma. Não canso de repetir, o Curió com vontade de jogar é jogador para Série A. O rendimento dele em número de gols (8) e assistências (7), mostram que ele é essencial, mas sinto falta do Lúcio decisivo o tempo inteiro. Aquele que levou o apelido certa vez de "certeza de gol". Por isso que escrevi recentemente: "Lúcio, tire o burro da sombra". Isso quer dizer que o América agora é um time ruim? Não. Apenas deixou de encantar, de surpreender, de ser diferente. Hoje o América me parece um time comum, muitas vezes perdido em campo, com dificuldades de encontrar sua própria identidade e que talvez pela ânsia de acertar esteja o seu treinador cometendo uma série de equívocos. O América das últimas 10 rodadas é um time que briga lá embaixo, no máximo na zona intermediária. Hoje, apenas observa os adversários lhe ultrapassar na tabela. Para reagir, precisar se encontrar novamente. EM CAMPO Provavelmente quando os jornais es-

tiverem nas ruas e você lendo esta nota, já saberá o resultado do jogo do ABC com o CRB, em Alagoas. Confronto direto, jogo decisivo. Se vencer, tranquilidade total. Se perder, volta a ter situação complicada. O ABC tem se comportado bem fora de casa e nos confrontos diretos, o que alimenta um certo otimismo para o jogo de hoje. Aliado a isso, Éderson retorna. Problema mesmo é não contar com Guto. Bombinha não considero desfalque. Não jogou nada este ano. O "DONO DO TIME" Caiu no meu e-mail um material muito interessante e que comecei a levantar alguns fatos para uma matéria que publicaremos na segunda-feira aqui no Jornal de Hoje. Vale a pena esperar. ECOHOUSE A EcoHouse Group é o novo patrocinador do Alecrim e deverá investir no futebol e no Rugby. A primeira etapa será com o Rugby, onde o Alecrim decidirá o título da Copa do Brasil. Depois, vem o futebol. O Alecrim deve receber investimentos em atletas e até em um estádio próprio.

e que vem crescendo na competição, tanto que eliminaram o CSA, que tinha a melhor campanha do outro grupo. Por outro lado não mudaremos nossa forma de jogar. Temos que ter coragem de enfrentar nossos

adversários e buscarmos um placar positivo para decidirmos em casa", disse o técnico Wassil Mendes. A partida de volta está marcada para o dia 23, às 16h, no Estádio Nogueirão, em Mossoró.

PisandonaBola AMÂNCIO

amancionatal@gmail.com / www.chargistaamancio.blogspot.com


16 O Jornal de HOJE

Natal, 15 e 16 de setembro de 2012

Esporte

Sábado e Domingo

Fotos: Divulgação

Passe Livre RUBENS LEMOS FILHO - r.lemosfilho@uol.com.br

A boa notícia no Fluminense é o retorno do meia Deco aos treinamentos. O jogador ainda não estará em campo nesta rodada

Com Ronaldinho Gaúcho e Bernard sendo poupados dos treinamentos, o técnico Cuca preferiu não definir os titulares do Galo

LIDERANÇA EM JOGO CONTRA TIMES QUE OCUPAM A PARTE DE BAIXO DA TABELA, FLUMINENSE E ATLÉTICO MINEIRO TÊM MAIS UMA RODADA DE DISPUTA ACIRRADA PELA PONTA DO BRASILEIRÃO. O FLU ENCARA HOJE, EM CASA, O LANTERNA ATLÉTICO GOIANIENSE. O ATLÉTICO FORA PEGA O NÁUTICO A briga polarizada pela liderança do Campeonato Brasileiro ganha a partir de hoje mais um capítulo. Líder, mas com um jogo a mais que o Atlético Mineiro, o Fluminense enfrenta justamente o pior time da competição para seguir firme na primeira colocação. Para completar, o confronto com o Atlético Goianiense acontece no estádio Raulino de Oliveira, no Rio de Janeiro. O aproveitamento dos dois times é desigual. A diferença entre ambos é de 36 pontos na tabela de classificação. O Tricolor, que soma 53 pontos, tenta alcançar a sequência de quatro vitórias seguidas pela

segunda vez no torneio. Já o lanterna Dragão, com 17 pontos, tenta uma vitória para voltar a respirar no campeonato. "Sabemos que o Atlético-GO não está passando por um bom momento e precisa ganhar. Nessa situação, com dois terços do campeonato disputados, eles precisam procurar a vitória. Já nós temos de fazer a nossa parte. Temos que nos preocupar com os nossos problemas. E sem acomodação. Tivemos um bom exemplo disso na última quarta-feira quando derrotamos a Portuguesa. Não entramos em campo sozinhos. Nosso adversário também tem seus ob-

jetivos, mas é assim que eu penso. Não pode haver qualquer acomodação da parte do Fluminense", disse o técnico do Fluminense, Abel Braga. Apesar de ter poupado Wellington Nem, Bruno e Carlinhos das atividades realizadas nas Laranjeiras, eles devem ser utilizados no jogo de hoje. A boa notícia foi o retorno aos treinos do meia Deco. O brasileiro naturalizado português está afastado da equipe principal desde que sofreu uma contusão muscular na vitória por 2 a 0 sobre o Coritiba, no dia 5 de agosto, e passou a ser substituído por Wagner, que também

sofreu com um problema no tornozelo e desfalcou o Fluminense nas últimas rodadas. GALO NO RECIFE Para enfrentar o Náutico no domingo o Atlético ainda espera pela definição do departamento médico em relação a dois jogadores importantes. Os meias Ronaldinho e Bernard, principais atrações ofensivas do Atlético-MG, não participaram do último treinamento da equipe. Porém, de acordo com os médicos do clube, os dois foram apenas poupados e devem entrar em campo. O jogo está marcado para às 18h30.

> FIM DA NOVELA

São Paulo vai depositar a multa e ficar com Ganso Enfim, parece que a novela chegou ao fim. Paulo Henrique Ganso vai jogar no São Paulo. O time do Morumbi anunciou que depositará os 23,8 milhões equivalentes a parte do Santos na negociação dos direitos econômicos que o clube tem direito. O Santos já teria aceitado a proposta e a DIS, dona dos outros 55% do jogador, não quer saber de negociações com o Grêmio. O clube do Morumbi recebeu a informação da DIS de que o jogador optou pela transferência para a equipe da capital paulista. Com isso, resta agora a definição de uma provável composição financeira com os investidores na formalização da proposta e esperar pela aceitação do Santos para viabilizar o negócio. A negociação com o Grêmio não contava com aprovação completa

da DIS. Delcir Sonda, presidente do grupo, é torcedor fanático do Internacional e não ajudaria em uma investida do rival gaúcho. Ganso segue afastado dos gramados por lesão na coxa esquerda divulgada pelo clube no último dia 31 de agosto, data da última proposta de renovação do Santos ao meia. Para chegar aos R$ 23,8 milhões exigidos pelo Santos, o São Paulo vai usar parte do dinheiro da venda de Lucas para o Paris SaintGermain, da França - o negócio foi concretizado por R$ 104 milhões, o Tricolor receberá cerca de R$ 78 milhões. Às 18h30 deste sábado, o São Paulo vai enfrentar a Portuguesa no Morumbi e há possibilidade de, antes da partida, a diretoria tricolor anuncie para a torcida a contratação de Ganso.

O valor pedido pelo Santos deve ser depositado pelo São Paulo no início da semana. Grêmio está fora do páreo

> FIM DA NOVELA

Pedreiras e risco de rebaixamento Flamengo e Palmeiras vivem situações extremamente complicadas neste Brasileirão. Enquanto os cariocas estão em 16º lugar, a um passo da zona de rebaixamento e com apenas 27 pontos conquistados nas 23 rodadas que disputou, os palmeirenses seguem sua sina na zona de rebaixamento, com apenas 20 pontos conquistados e há sete de igualar ao rival carioca, primeira equipe fora do Z4. Para completar, ambos tem uma rodada para lá de complicada neste final de semana. O Palmeiras encara o Corinthians no clássico paulista, enquanto o Flamengo enfrenta o Grêmio. A boa notícia é que ambos jogam em casa, porém, pressionados pela torcida, esse pode ser mais um aspecto complicado na vida das duas equipes. Quando entrarem em campo às 16h do domingo, Palmeiras e Corinthians colocarão uma rivalidade que vai além da história, mas que abre a possibilidade do principal rival afundar ainda mais

futebol. Todos técnicos têm um começo, começaram a ser profissionais e o Narciso tem todas as condições. Terá o nosso apoio para, dependendo dos próximos resultados, ser efetivado".

Agora no Grêmio, o técnico Vanderlei Luxemburgo encontrará seu ex-clube, o Flamengo, em situação de risco

Recuperado de lesão, as bolas paradas de Marcos Assunção podem fazer a diferença para o Palmeiras

o adversário na tabela de classificação. O Palmeiras vai para o jogo ainda sem um comandante efetivo. Cabe ao ex-zagueiro Narciso, que comanda as categorias de base do clube, a função de escalar o time diante do Corinthians. "Os técnicos

que o Palmeiras gostaria estão trabalhando. Mas agora estamos preocupados com o jogo de domingo", disse o presidente Arnaldo Tirone. Diante da dificuldade de contratar um novo técnico, o mandatário palmeirense já aceita a ideia de manter Narciso. "Ele já é um nome no

ADVERSÁRIO VELHO CONHECIDO Pressionado, o Flamengo enfrenta o Grêmio neste domingo, às 18h30m, no Engenhão. Para o clube, há seis jogos em vencer e com quatro derrotas consecutivas, qualquer resultado que não seja a vitória levará ao caos. E do outro lado do campo estará um velho conhecido rubronegro, Vanderlei Luxemburgo, que foi demitido no início deste ano e que agora comanda o Grêmio em uma excelente campanha. "A ideia é somar os mesmos 37 pontos conquistados no turno no returno. Isso nos dará a condição de disputar o título, a julgar pelo desempenho dos últimos campeões", afirma Luxemburgo.

Cony e o caminho Ano: 1996. Motivo: Festival de Cinema do quixote e jornalista Valério Andrade. A lógica : A impaciência de Carlos Heitor Cony respondendo perguntas exibicionistas de repórteres de cadernos de cultura em Natal . Os meninos disputavam uma competição sobre quem perguntava pior sobre o homem que mais escreve bonito e simples no Brasil. Cony respondeu cada pergunta. Sobre a falta de incentivos públicos para a produção literária precoce (a que eles imaginavam ter), o escritor de Quase Memória respondeu com ironia tão sutil que eles nem perceberam a irritação controlada de quem consegue dizer em 20 linhas o que a média leva 500 para confundir. Cony(de picardia) sugeriu um programa especial de leitura clássica nas universidades para jornalistas de Caderno Dois, que permitiria a eles, escrevendo seus ensaios e livros, ganhar credibilidade para criticar o que os outros escrevem. Geralmente, quem espinafra o texto alheio, quase nunca faz o seu. Quando comete uma lambança, vomita uma concordância derrapando ali, uma militância escapando acolá. A entrevista de Carlos Heitor Cony aconteceu no auditório da Governadoria, onde(eu) dava expediente diário e para onde havia levado três livros para que ele autografasse como fiz com Fernando Morais. Com Fernando Morais, anos depois, uma delícia. Viagem a trabalho no avião do Estado. Cotoveladas em puxa-sacos e sentei na poltrona em frente à que ele estava. Notei uma vontade imensa do biógrafo de tomar uma cerveja, que é proibida nas hipocrisias governamentais a consentir diversos tipos de indignidade. Voltando a 1996, Levei para Cony autografar Quase Memória, homenagem fictícia e emocional ao seu pai, Pessach, a Travessia, drible de um Rivelino das letras na censura burra da repressão e Pilatos, a história do infeliz que perde seu instrumento sexual num acidente e o guarda dentro de um vaso com álcool. Na coletiva insuportável, os teóricos precoces de redação e distância de sabonete e desodorante insistiam na última pergunta que jamais chegava a Carlos Heitor Cony. >>> Cony de olhar esquivo, puxando para cima e para baixo o punho de casaco bege destoante, Cony esgotado mentalmente com tantas baboseiras já ditas pelos intelectuais de citações e livros grudados debaixo do sovaco. Cony, educado, disse que a entrevista estava encerrada. Afinal, se ele continuasse falando para uma plateia de analfabetos solenes, não teria o que dizer na outra rodada à noite. Cony estava aflito. Havia chegado ao limite da paciência do redator. Depois da coletiva, meninas bonitas lhe fizeram perguntas sobre suas obras antigas, seus planos futuros e o presidente Fernando Henrique Cardoso, a quem criticava diariamente na crônica da Folha de São Paulo. Cony respondeu em monólogos. Foi o momento de levá-lo ao gabinete governamental para que um carro oficial alugado o deixasse no hotel. Arrisquei-me a pedir que passasse a pena em Quase Memória. Uma peça literária e sentimental. O embrulho misterioso no hotel. O leitor vai abrindo a cada página que demonstra o distante e verdadeiro afeto entre Cony e o seu falecido pai. Lembro que paramos no corredor privativo. Paciente, Cony pediu-me a caneta e perguntou meu nome. "Ao Rubens, com abraço, Carlos Heitor Cony".

Nada mais convencional, protocolar. E sincero. Agradeci, guardei os outros livros e ousei brincar sobre a coletiva da qual que ele participara. "São uns moços, impetuosos. Já fui assim. Um dia eles serão iguais a mim, cansados e vivendo para cumprir obrigações". Nem fui para o Festival no qual Cony sofreu outra saraivada de estupidez multiplicada por perguntas da Capadócia deslumbrada, Reino sem qualquer divisão geográfica e habitada por arrogantes sem neurônios acima do pescoço. Cony, imagino que muito ansioso, tomou o primeiro voo da madrugada de volta ao Rio de Janeiro. Jornais reproduziram sua fala deturpada, seu raciocínio esquartejado. Editoriais assassinaram a sua pensamento racional. O alívio é que ele nem leu. Cony, 86 anos, lança agora seu livro "JK e a Ditadura", romance e reportagem sobre o homem que não será apenas exaltado na pena madura e cirúrgica. Cony, que defende a tese e investigou os fortes indícios do assassinato de JK, irá fundo nos erros políticos cometidos pela raposa mineira durante a Repressão. >>> Segundo Cony, JK nada fez para impedir a derrota do seu candidato, Marechal Lott, em 1960, capitulou e confiou no Golpe que assegurou Castelo Branco no poder, imaginando voltar nos braços do povo em 1965. Pagou caro com o ostracismo, a humilhação e a morte. Acadêmico sem pisar na ABL há um ano, Cony revela conexão entre o assassinato do diplomata chileno Orlando Letelier, também em 1976, destroçado na explosão do seu carro, com o fim de JK, em tenebroso "acidente" numa curva próxima a Resende, no Rio de Janeiro. O fato triste, emocionante como as narrativas de Cony quando aluno de Colégio Interno, reflexivo e solitário, é saber que progride seu câncer linfático crônico. Há 11 anos, Cony é considerado doente terminal e resiste. Escapou vivo da entrevista com os interrogadores(não eram repórteres) em Natal, haverá de driblar ainda mais o câncer. Ainda viaja em cadeira de rodas para seminários e palestras, agendados como o festival que me fez conseguir seu autógrafo. Seu ceticismo é agudo. Reclama do ridículo a que é submetido pela doença, como subir em museus de cuecas ao ser retirado da cadeira de rodas. Sobre a morte, reage com desprezo e prepara a sua vingança. Dispensará todas as liturgias e rejeita o mausoléu da Academia Brasileira de Letras. Não quer velório. Decidiu ser cremado. Em caráter irredutível. Está certo Cony. Velórios, mais do que homenagens e despedidas, viraram acontecimentos sociais, desfiles de moda e atualizações sobre adultérios. Festivais de piadas infames. Sobre o morto, em especial. Defunto indefeso, de paletó escuro, gravata torta, incômodo pacote sendo observado por amigos verdadeiros, profissionais dos funerais, e crápulas dissimulados que vão conferir a verdade. "Como está magro! Meu Deus,!". Cony, na entrevista ao Jornal O Globo, fala como pai e personagem,como o Ernesto Cony que tanto procura em Quase Memória e por ele atalha sua infância e adolescência retraída no autobiográfico Eu, Aos Pedaços. Cony é o último cronista. Que seja lido e homenageado vivo. Obedecido também, na morte. PS. Fora Academia(não pertenço nem à de Ginástica), rejeito velório e suplico ser cremado. Serei Cony(ao menos) na imitação do epílogo.


Cidade

Sábado e Domingo

Natal, 15 e 16 de setembro de 2012

O Jornal de HOJE 17

FICHA TECNICA Foto: Aurino Neto Modelos: Agência Tráfego Ingrid Hair/Make: Anilson Knight Salão: Lirêda Coiffeur Produção: Érika/Victor Hugo

Érika Nesi erikamnesi@hotmail.com

Ah, quer saber...

Onde encontrar

Conheça esse sofisticação de perfume nas lojas Parfumerie Midway Mall, Natal Shopping e CCAB Petropólis.

18ª edição da Forever Young traz Toni Garrido e Thiago Correa

t t t

Confirmados como atrações para a 18ª edição da festa Forever Young, próximo dia 22, no Espaço Boulevard, Toni Garrido e Thiago Correa serão passageiros Arituba e hóspedes do Hotel Majestic, com serviço de transporte cinco estrelas, empresa Classic Express, todas apoiando o evento.

Cheia de charme

A coleção verão da Prefácio já é considerada a mais bonita de toda a sua história, suas estampas belas, e ótima modelagem deixa qualquer mulher mais sedutora. t t t

t t t

Amor & Sexo

Mais uma vez a coleção do estilista bacana Wagner Kallieno aparece em rede nacional, dessa vez foi no programa "Amor & Sexo" que vai ao ar todas as quintas, na Globo, apresentado por Fernanda Lima. Aqui em Natal, a Donna Donna é exclusiva.

Produção

A produção musical da festa é de Marcelo Gurgel e o DJ Gabriel Sodré, que também agitará a pista de dança do Boulevard, e assina o CD que distribuímos todos os anos na Festa. Clodualdo Bahia com a sua Designer Brasil ao lado da Prátika Locações cuidam da produção da big party, que terá bufê da dobradinha Renata Motta e Nick Buffet, com scotch 12 anos e borbulhas, como sempre sem enfado.

t t t

Roupa de festas para os pequenos

A Giocare recebeu lindos vestidos de festa para deixar as meninas ainda mais lindas, destacamos os de paetês, que servem para várias ocasiões, sem falar nos outros que já enfeitam as araras da loja.

t t t

Onde comprar...

Já o material gráfico, que será impresso na gráfica RN Econômico, é assinado pela designer Márcia Kafensztok. Quer mais? Os passaportes/cartões magnéticos serão vendidos na Donna Donna e na banca Cidade do Sol, ao mesmo preço do ano passado.

t t t

Donna Donna

Giocare

t t t

Novidades

Thiago Correa vem fazendo sucesso nas baladas eixo Rio/SP, unindo música brasileira com sucessos internacionais. Mescla Rihanna com Seu Jorge, Katy Perry com Sandra de Sá, Robbie Williams com o Rappa e Adele com Gilberto Gil. Assina também a música "Charme", de sua autoria, na trilha sonora da novela da Rede Globo, Avenida Brasil.

A Collezione recebe Guilhermina

Calma, se você pensou em Guilhermina Guinle, está errado, estamos nos referindo à marca que tem o primeiro nome da atriz e que por sinal, ela usa muito, muitos modelos belos, de tirar o fôlego. Impossível sair de lá sem um modelito.

Toni Garrido

t t t

Toni Garrido, conhecido por sua voz inconfundível e vocalista da Banda Cidade Negra, que agitará os festeiros e a participação do natalense Rildo Lima.

Semana de moda de New York

Depois que os conjuntinhos voltaram à cena, os estilistas adicionaram mais um elemento ao grupo: as bolsas. Elas aparecem combinando com a roupa, segundo os principais desfiles da temporada Verão 2013 da semana de moda de Nova York.

t t t

Sheer beauty CK

Calvin Klein lançou uma nova fragrância jovem e sofisticada, de beleza natural e espontânea, vibrante e feminina, confortável e confiante na sua própria pele, como as mulheres a quem é destinada. Calvin Klein Sheer BEAUTY é cintilante e despreocupada com uma confiança pura e sexy.

t t t

As bolsas...

t t t

O vidro do frasco, de um elegante tom rosado, evoca a feminilidade vibrante da mulher Calvin Klein Sheer BEAUTY e a característica quase cutânea da fragrância. A tampa simples cria uma impressão geral de frescura. A embalagem exterior inspira-se na sofisticação e no charme de uma mulher jovem que se sente bem na sua própria pele. O tom rosado surge na embalagem com reflexos perolados, reflectindo a cor luminosa de pele nua do frasco e da fragrância cintilante.

É com um aromatizador de ambientes com aroma super agradável, que vem o convite para inauguração da Barbara'ellas, a mais nova clínica estética de Natal, que será dia 19/09, às 18h na sua sede que fica na Rua Afonso Pena, 634. A produção é do querido Bruno Porpino. t t t

t t t

Feminilidade vibrante da mulher

Bárbara´ellas Beauty center

Prefácio

Yolla

Bolsas que se fundem às roupas foram mostradas por grifes como Lacoste, Marc Jacobs, Thom Browne, Narciso Rodriguez e Alexandre Herchcovitch. Ainda no quesito bolsas, os desfiles mostraram modelos médios, estruturadas, com alça e até clutches. t t t

Os sapatos...

Já os sapatos exibiam saltos altíssimos, em sua maioria Anabela, e modelagens robustas, com faixas largas. As sandal boots, versão verão das ankle boots, que deixam o peito do pé coberto, também apareceram com força, assim como plataformas e meia-patas. Bom fim de semana!

CMYK


18 O Jornal de HOJE

Cultura

Natal, 15 e 16 de setembro de 2012

Canal 1

BATE-REBATE w O cantor Alexandre Pires estará ao vivo no “Legendários”, da Record, neste sábado, para encarar o "Vale a Pena Ver Direito". w Luan Santana também vai gravar com Marcos Mion na semana que vem. w O SporTV vai promover um encontro com a imprensa no dia 2, uma terça-feira, no Rio. w Na Record também já falam no Marcos Pasquim, que fez vários trabalhos com o Lombardi na Globo. w Mas não é bem assim. Ele tem um contrato lá, inclusive está no ar em “Cheias de Charme”.

POR FLÁVIO RICCO - Colaboração: José Carlos Nery /

Globo

flavioricco@gmail.com.br / http://twitter.com/flavioricco

Escalação de novelas da Globo tem nova ordem

Quinta-feira

A repetição de atores foi discutida em recente reunião na TV Globo. Enquanto uns trabalham, seguidamente, e são prejudicados por isso, outros que também têm contrato com a casa, mas não são tão próximos dos diretores de núcleos ou dos próprios autores, simplesmente acabam esquecidos. Em toda e qualquer situação sempre existe a questão da preferência e confian-

w O programa ”Viva Sucesso”, do Viva, com a Ana Maria Braga, será reprisado hoje às 21 horas. w Pedro Vasconcelos, depois da novela “Amor Eterno Amor”, vai dirigir um espetáculo musical, baseado no livro “Tudo por um popstar”, da Thalita Rebouças. w A empresa Aventura Entretenimento, de Luiz Calainho e Aniela Jordan, ficará responsável pela produção, e a adaptação para teatro será do autor Gustavo Reiz. w O musical estreia em janeiro, no Rio, e depois cumprirá temporada em São Paulo. O elenco ainda não está fechado.

ça, que deve ser respeitada e considerada, mas ao próprio artista é necessário oferecer certo tempo, para que ele consiga esquecer um personagem para

C´EST FINI

depois estudar e construir outro. Algo humano e perfeitamente natural. O erro é

O ambiente é de tristeza nos interiores de “Rebelde” com a decisão da Record em encurtar a novela. Um sentimento que atinge os mais experientes e os mais novos do elenco. O autor Emílio Boechat, diante dessa nova ordem, também foi obrigado a diminuir tudo o que tinha planejado. Então é isso. Mas amanhã tem mais. Tchau!

ainda maior quando essa escalação acontece imediatamente a um grande sucesso, como foi o caso do Marcelo Serrado, com o Crô de “Fina Estampa” antes e o Tônico Bastos de “Gabriela” logo depois. Por mais que se reconheça nele um profissional de grandes recursos, foram visíveis as suas dificuldades no começo do novo trabalho. Está certa a Globo, com a compreensão dos seus atores, em querer agir e adotar meios diferentes.

PROTAGONISTA

>> TV - TUDO w HEBE DE VOLTA AO SBT – 1 Hebe Camargo está de volta ao SBT. Tudo acertado diretamente entre Silvio Santos e ela. Ainda não existe um contrato assinado, o que é visto apenas como detalhe por representantes de ambas as partes. A estreia está prevista para o começo do próximo do ano, mas este também é um assunto que será tratado no decorrer dos próximos dias. w HEBE DE VOLTA AO SBT – 2 Também ficou combinado que a volta da Hebe ao SBT não será em um programa semanal. A atração poderá entrar uma ou duas vezes por mês, num esquema que a própria apresentadora irá definir. Silvio deu a Hebe, nas conversas que tiveram, total liberdade de escolher o que será melhor, inclusive local de gravações, na emissora ou na casa dela. O anúncio oficial deve acontecer durante a campanha Teleton, em novembro. w PAR OU ÍMPAR Segundo o jornalismo da Record, uma vaca caiu do telhado de uma

residência no interior de São Paulo. Mas aí, entra outra discussão. Para o "Fala Brasil", se trata da mesma casa onde um bezerro despencou dias atrás. Para o "SPTV", não, foi na casa ao lado. E agora, em quem acreditar? w EM QUESTÃO Edmundo, que se revelou um cavalheiro, cara de classe, como comentarista, tem contrato com a Bandeirantes e tem participado normalmente das transmissões do Brasileiro aos domingos e quartas-feiras. Isso é uma coisa. A outra é que existe uma pressão muito forte, que se acentuou nesta última semana, para ele assumir o futebol do Vasco. w FINGIR DE MORTO Muito mais do que armar estratégias e tentar criar os mais diferentes dispositivos de segurança, a direção de “Avenida Brasil” está solicitando a colaboração de toda a equipe para evitar vazamentos no final da novela. Os principais mistérios da história serão revelados, de acordo com o próprio elenco, apenas nos seus dois últimos capítulos.

“Salve Jorge”, substituta de “Avenida Brasil”, Nanda Costa interpreta Morena. Jovem batalhadora, nascida e criada no Complexo do Alemão, mãe solteira, ela vai se envolver com Theo, Rodrigo Lombardi, membro da cavalaria do Exército. É também uma personagem criada para atrair e retratar a chamada “nova classe C”. A novela estreia dia 22 de outubro.

w MUSICAL Uma conversa musical entre artistas de Portugal, Brasil e Cabo Verde é o fio condutor do “Música Portuguesa Brasileira”, série inédita do Canal Brasil que estreia neste sábado, 20h45. Fernanda Abreu, Luísa Sobral e Tito Paris estão entre os convidados. w TRILHA SONORA O roqueiro Supla, jurado do “Ídolos”, e seu irmão João Suplicy estarão na trilha sonora de “Balacobaco”, novela que estreia em outubro na Record. A música dos dois é “On My Way”. w LENDA “Avenida Brasil”, nos capítulos

HORÓSCOPO Áries 21/03 a 20/04 Como em toda lunação, vivemos um período curto e excelente para o plantio de projetos e iniciativas. Desta vez, para você, serão as que tem relação com saúde, rotina e vida prática as que mais terão chance de se realizar. Trabalhe firme!

Leão 22/07 a 22/08 Quer colocar em ordem de verdade as suas finanças? Entradas e ganhos, rendimentos e dinheiro a receber, tudo tem de ser revisto, arrumado, melhorado. A lunação em Virgem dá a partida para você ganhar mais e arrumar tudo isso.

Sagitário 21/11 a 21/12 Nada de tuitar, mandar mensagem ou se perder no Facebook. Prepare seu dia de modo a curtir uns momentos solitários. O que irá abrir a sua visão e torna-la penetrante e hábil. Não disperse este dom em bobagens passageiras.

Touro 21/04 a 20/05 Maravilhosa e poderosa esta Lua nova de hoje, que abre a temporada do amor real e da mais refinada sensualidade para os filhos do Touro! Projetos criativos, manuais e intelectuais, irão florescer nas próximas quatro semanas, aproveite.

Virgem 23/08 a 22/09 Comemore a luz do Sol e da Lua no seu signo, um dia por ano acontece isto e este dia é seu. Mimos, presentes, massagens, flores e comidinhas especiais valem também. Embelezar-se, desintoxicar-se, amarse mais enfim.

Capricórnio 22/12 a 21/01 Viagens internacionais, projetos de desenvolvimento espiritual, publicações e cursos pos universitários entram no destaque a partir de hoje, com a Lua nova em Virgem signo irmão do seu que promete melhorar seu norteamento íntimo.

Gêmeos 21/05 a 20/06 Sabe aquele momento do ano em que o mais importante é curtir uma toca bem bacana, caprichada nos mínimos detalhes, bonita de se ver e super funcional? Pois a partir de agora você está com a corda toda pra batalhar este sonho!

Libra 23/09 a 22/10 Como você está palmilhando devagar e de modo meio sofrido este período que antecede seu aniversario, tem mais é que aproveitar este dia de introspecções profundas para descansar, cismar e pensar na vida. Mais sinta do que aja.

Aquário 21/01 a 19/02 Se você é daqueles que acredita que existe almoço grátis, pode ficar de olho nas contas e no preço que vai pagar por alguns apoios, contratos e investimentos. A Lua nova em Virgem anuncia semanas de revisões produtivas neste assunto.

Câncer 21/06 a 21/07 É dia de somar emoção e razão, dia de impulsos fortes, de inspirações violentas, de presságios e mistérios - é a Lua nova. Em Virgem, signo de pureza, correção e dedicação a uma tarefa útil e definida. Ache a sua e seja feliz nestas semanas.

Escorpião 23/10 a 21/11 Novas amizades e projetos que se iniciarem agora deverão ter a marca da utilidade publica, da busca por um mundo melhor. Somando seus conhecimentos e habilidades a de outros, irá contribuir. É a mensagem da lunação em Virgem para você.

Peixes 20/02 a 20/03 Macrocosmo e microcosmo - um espelha o outro e nada melhor do que ir no embalo astral desta Lua nova que promete ensinar ou reforçar as lições sobre como se sentir completo com alguém diferente de você. Valem quatro semanas.

CINEMA OS MERCENÁRIOS 2 - (16 Anos) MOVIECOM 1 – Hora: 19:45 / 22:00 MOVIECOM 7 - Hora:16:45 / 19:00 / 21:15 CINEMARK 1 - Hora:13:20 / 15:40 / 18:00 / 20:20; Hora: 22:50 (Sáb) CINEMARK 5 - Hora:14:20 / 16:40 / 19:00 / 21:20; Hora: 23:40 (Sáb) E AÍ, COMEU? - (14 Anos) MOVIECOM 1 – Hora:15:25 / 17:35 O DIÁRIO DE TATI - (Livre) MOVIECOM 2 - Hora:17:05 / 19:05 / 21:05; Hora:15:05 / 17:05 / 19:05 / 21:05 (Sáb) TOTALMENTE INOCENTES - (14 Anos) MOVIECOM 3 – Hora:16:20 / 20:30; Hora:15:15 / 17:20 / 19:25 / 21:30 (Sáb) CINEMARK 7 - Hora:17:30 / 21:40 RESIDENT EVIL 5 - (16 Anos) MOVIECOM 4 - Hora:13:45 / 15:50 / 17:55 / 20:00 / 22:05 CINEMARK 2 - Hora:17:20 / 21:50;

Hora:00:10 (Sáb) CINEMARK 2 / 19:30

- Hora:12:50 / 15:10

À BEIRA DO CAMINHO - (12 Anos) MOVIECOM 5 – Hora:18:55 O LEGADO BOURNE - (14 Anos) MOVIECOM 5 - Hora:16:10 / 21:10; Hora:16:10 (Sáb) CINEMARK 4 - Hora:17:15 / 20:10; Hora: 23:00 (Sáb) TED - (16 Anos) MOVIECOM 5 - Hora:21:10 (Sáb) CINEMARK 6 - Hora: 20:50 (Sáb) ABRAHAM LINCOLN - CAÇADOR DE VAMPIROS - (14 Anos) MOVIECOM 6 - Hora:15:00 / 17:15 / 19:30 / 21:45 CINEMARK 6 - Hora:23:10 (Sáb) CINEMARK 6 - Hora:13:50 / 16:10 / 18:30

As Aventuras de Agamenon, o Repórter (14 Anos) CINEMARK 3 - Hora: 13:00 E A VIDA CONTINUA... - (10 Anos) CINEMARK 3 - Hora:14:50 / 17:10 / 19:20 / 21:30; Hora:23:50 (Sáb) VALENTE - (Livre) CINEMARK 4 - Hora:12:40 / 15:00 EU RECEBERIA AS PIORES NOTICIAS DO SEUS LINDOS LÁBIOS - (16 Anos) CINEMARK 7 – Hora:19:35 (Ter e Qui) ParaNorman 3D - (10 Anos) CINEMARK 7 - Hora: 13:10 / 15:20 OBS: A aprogramação pode ser alterada sem prévio aviso. Favor consultar o cinema para confirmar o filme do dia.

desta última semana, revelou que as mulheres não são tão curiosas assim. A irmã argentina da Nina, por exemplo, guardou as fotos do amasso Max-Carminha e não deu nem tchuns pra elas. w PRIMEIRO TRABALHO Nas próximas semanas, o autor Carlos Lombardi voltará a se reunir com a direção da Record, no Rio, para discutir, aí sim, bases definitivas do seu primeiro trabalho na emissora. O que se sabe, embora não se confirme oficialmente, é que já existe uma sinopse aprovada e, como pensamento inicial, há o desejo de estrear entre abril e maio do ano que vem.


Cidade

Sábado e Domingo

Natal, 15 e 16 de setembro de 2012

Burocracia deixa pacientes sem receber medicamentos na Unicat SOLICITAÇÕES FORAM FEITAS PELA DIRETORIA, MAS ATÉ AGORA NADA FOI ENTREGUE Usuários da Unidade Central de Agentes Terapêuticos (Unicat) estão novamente sem receber o devido atendimento. Agora, os afetados são os pacientes usuários de medicamentos para tratamento de anemia falciforme, que estão sem receber os remédios há quase um ano. Na manhã dessa sexta-feira, usuários e mães de pacientes que utilizam o medicamento se reuniram na Unicat para buscar uma resposta sobre o atraso entrega da medicação. A dona de casa Rosineide da Rocha é mãe de um portador da anemia falciforme e afirma que o filho, de 15 anos, está há seis meses sem dar continuidade ao tratamento - que já dura 11 anos - por falta de condições financeiras para comprar os remédios que estão em falta na unidade e que custam cerca de R$ 200. "Em seis meses, meu filho já baixou no hospital várias vezes em crise, e durante esse período, já esteve três vezes internado na UTI. Estou aqui pra fazer um apelo aos administradores da Unicat, pois o remédio é muito caro e não tenho condições de comprá-lo. É muito difícil ver meu filho tão jovem correr o risco de chegar a óbito por falta desses medicamentos que não chegam nunca", desabafou Rosineide. A paciente Sebastiana Holanda, 39 anos, que também tem anemia falciforme foi à Unicat para conversar pessoalmente com a diretora da Unidade, mas, segundo a paciente, os prazos dados são ilusórios. "Faz um ano que não recebo o medicamento. Dependo de doações de conhecidos. Por falta dele, tive crises e início de Acidente Vascular Cerebral (AVC), fiquei internada na UTI e a qualquer momento sei que posso voltar. Mas aqui, eles sempre nos mandam voltar de 15 em 15 dias.

Wellinton Rocha

Rosineide fez apelo à Unicat, alegando não ter condições para comprar remédios que seu filho de 15 anos necessita Dizem que os recursos não foram repassados pelo Governo. E hoje, novamente, nos mandaram voltar daqui há oito dias, confirmando que o remédio já estará disponível aqui. Só me resta esperar e torcer pra que nada de mal me aconteça durante este tempo", disse a paciente Sebastiana Holanda. De acordo com a diretora da Unicat, Alaíde Menezes, alguns medicamentos já foram solicitados com critério emergencial, mas há todo um processo de tramitação para que a nota de empenho chegue ao fornecedor, além de outros fatores que também atrasam a entrega. "Já solicitamos os medicamentos que estão em falta, fizemos uma solicitação suficiente para três meses de distribuição. O processo demora um

pouco devido à burocracia, mas os empenhos estão previstos para a próxima semana e a distribuição dos remédios será feita em até 10 dias. A greve da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) também atrasou o processo de distribuição devido a falta de fiscalização. As nossas solicitações são feitas de acordo com a demanda. Nem todos os meses são iguais. Às vezes, temos mais solicitações de um determinado medicamento, outras vezes, eles sobram no estoque". Cerca de 35 mil pacientes em todo o Rio Grande do Norte são atendidas por mês pela Unicat, que foi fundada para distribuir medicamentos de 84 tipos de patologias clínicas para a população. No entanto, o problema com a entrega de

medicamentos pela Unidade já não é novidade. Há anos os usuários se queixam de que as faltas no estoque são constantes e que muitos passam meses sem dar continuidade aos seus tratamentos. ANEMIA FALCIFORME Aanemia falciforme é uma doença genética e hereditária, que se caracteriza por uma alteração nos glóbulos vermelhos, que se endurecem, dificultando a passagem do sangue pelos vasos de pequeno calibre e a oxigenação dos tecidos. Esta alteração causa dores em diversas partes do corpo, infecções, problemas neurológicos, cardiovasculares, pulmonares e renais, entre outros. Trata-se de uma doença para a qual ainda não se conhece a cura.

> NESTE DOMINGO

Seicho-No-Ie promove seminário da luz em Natal A Seicho-No-Ie promove neste domingo, 16, em Natal, o Seminário da Luz, que é dirigido ao público externo que não conhece o ensinamento da seita, conforme informou o supervisor administrativo e doutrinário da regional Natal RN, Lucas Bonfim Lima. A ideia é reunir cerca de 600 pessoas. O orientador Heitor Miyazaki fará palestra com o tema "Um encontro com a luz que ilumina toda a familia” e haverá palestras sobre leis da mente; os segredos da prosperidade; harmonia no lar e a oração de cura (Shinsokan da Oração Mútua). Este seminário acontece a cada dois anos, sendo que como existem 83 regionais, as que não realizaram este ano, farão em 2013. Em Natal, como tem este ano, o próximo será em 2014. Seicho-No-Ie (lar do progredir infinito, numa tradução livre) é uma filosofia/religião de origem japonesa monoteísta, enfatiza o não sectarismo religioso, as práticas de gratidão à família e a Deus, e o poder da palavra positiva que influência na formação de um destino feliz e o universalismo. Surgiu em 1º de março de 1930, como revista de Cultura Moral cresceu no pós-guerra no Japão, sofreu perseguição militar foi transformada em religião. Nesta época, a sociedade japonesa viu desmoronar a religião oficial do Estado, baseada na crença na divindade do imperador e uma das bases da ideologia militarista. Nesse vácuo ideológico e espiritual surgiram ou cresceram inúmeras seitas e religiões, entre elas a Perfect Liberty, a Igreja Messiânica Mundial (Johrei) e a Seicho-No-Ie. Esta última contribuiu para a revitalização da religiosidade, incentivando seus adeptos à prática de suas religiões de origem. A partir da década de 90 a Seicho-No-Ie lança oficialmente uma nova bandeira, o "Movimento Internacional de Paz pela Fé" (Internacional Peace by Faith) que tem como objetivo, através da fé em Deus único e universal, despertar a paz em cada pessoa e, assim, concretizá-la no mundo. O conjunto doutrinário da Seicho-no-Ie reúne tradições xintoístas, cristãs, budistas, dentre outras. Predomina, a exemplo da outras Novas Religiões Japonesas, elementos da religiosidade nipônica, que valoriza todas as formas de vida,

preza pelo respeito ao próximo, gratidão aos pais e cultua os ancestrais, segundo adiantou Lucas. Conforme adiantou o coordenador local, se vê Jesus como filho de Deus, mas não filho único ou único salvador. Acredita na reencarnação e que o que sofremos hoje é resultado do que fizemos ontem em vidas passadas, somadas a vida de nossos ancestrais. No entanto, não cultua a ideia de que espíritos se comuniquem através de médiuns.

Na versão da Seicho-No-Ie, quem desejar conversar com Deus basta fazer uma prece e diretamente mentalizá-lo. Deus é visto como o criador do universo. Lucas diz que há uma posição correta para orar que é as mãos postas na frente do rosto e a respiração é o alento de Deus. O calcanhar deve estar alinhado com a coluna. Os santos são as pessoas que conseguiram mostrar a imagem verdadeira de Deus, mas não são cultuados.

Hoje, no Rio Grande do Norte, tem mais de 1.200 adeptos. Segundo Lucas Lima, não existe necessidade da pessoa deixar sua religião para integrar-se ao Seicho-NoIe e uma vez integrado, querendo, poderá ser contribuinte, doando a partir de R$ 6,50 por mês; dizimistas doam a partir de R$ 13,00; dizimistas especiais a partir de R$ 65,00, benemérito a partir de 200,00 e benemérito especial 10% do salário que recebe.

Movimento dos Navios APRONIANO CÉSAR

apronianocfs@hotmail.com

Governador de Alagoas pede apoio ao governo federal para desenvolver o Porto de Maceió que é subordinado a Codern NATAL Navio Podhale Lagoa Carioca Lagoa Paranaense Ocean Stalwart CMA-CGM Platon Marta P-120 Amazonas Marfret Guyane CMA-CGM Homere CMA-CGM Aristote

Bandeira Bahamas Brasil Brasil Vanuato United King Brasil Brasil França Inglaterra U. Kingdom

Sônia

Bahamas

Agência NML/JSF W. Sons W. Sons Seamaster CMA-CGM Petrobras M. Brasil W. Sons CMA-CGM CMA-CGM

Chegada Destino No Porto Baia Blanca/ ARG No Porto -No Porto -No Porto Guamaré(RN) Hoje Algeciras/ESP Hoje Fortaleza(CE) 19/09 Salvador(BA) 22/09 Algeciras/ESP 29/09 Algeciras/ESP 06/10 Algeciras/ESP

Carga -Em Operação Em Operação Pesquisa Contêineres -Patrulha Oceânico Contêineres Contêineres Contêineres

Descarga Trigo ----Combustível Combustível ----

TERMINAL OCEÂNICO DE UBARANA - GUAMARÉ - RN Petrobras

16/09

Manaus(AM)

--

Óleo cru

TERMINAL SALINEIRO DE AREIA BRANCA - RN Gora

Dia 15 16

Libéria

A. Marítima No Porto

TÁBUA DE MARÉS Hora Altura (M) 16:00 2.4 21:45 0.1 04:17 2.5 10:08 0.0

Arraial do Cabo(RJ)

A PROGRAMAÇÃO É CHECADA DIARIAMENTE, PODENDO HAVER ANTECIPAÇÃO OU ATRASO DE ALGUM NAVIO

Sal

--

FASES DA LUA Minguante (08/09 - 10:15h) Nova

(15/09 - 23:11h)

Crescente

(22/09 - 16:41h)

Cheia

(30/09 - 06:19h)

O Jornal de HOJE 19


Natal, 15 e 16 de setembro de 2012

20 O Jornal de HOJE

Gastronomia

Hemetério Gurgel - RECEITA DA CHEF SANYLLE FAROFA COLORIDA 06 Porções Excelente para acompanhar um peixe, mas, se preferir, troque a sardinha e o atum por lingüiça ou sobras de frango. Em meia hora, você terá um acompanhamento delicioso. Ingredientes - 1 1/2 colhe-sopa de óleo de soja - 1/2 pacote(s) de farinha de milho amarela - quanto baste de pimenta-do-reino branca - 1 lata de milho verde - 1 lata de ervilha - 1 lata de atum sólido em óleo - 1 lata de sardinha com óleo - 1 caixinha de extrato de tomates - 1 colher-sopa de azeitona verde picada - 1 unidade de pimentão vermelho picado - 1 unidade de cebola picada - 1 1/2 xícara/ de água - quanto baste de glutamato monossódico Preparo - Refogue primeiro o pimentão e a cebola, deixe dourar. Junte o atum sem o óleo, a sardinha sem o óleo, o milho, o extrato de tomate, a água e a azei-

tona. Tempere com o restante dos condimentos e, por último, a ervilha. Coloque um pouquinho de açúcar para que o molho não fique azedo. Deixe ferver por uns cinco minutos. Desligue o fogo e acrescente a farinha aos poucos para que não fique muito seca. Por último regue um pouco de azeite por cima.

Sábado e Domingo

hemeterio@uol.com.br - DICAS CULINÁRIAS DA JOR. MARIANA -

SANYLLE FARAJ

-PARA O GLACÊ NÃO CAIR - Antes de passar o glacê, polvilhe o bolo com maisena ou farinha de trigo. Assim, o glacê não cai. -PARA O BOLO NÃO RESSECAR -O bolo de chocolate não ficará ressecado, se você acrescentar à massa uma ou meia maçã ralada ou, se preferir, uma colher de café bem forte. -CORTAR BOLO -Se você quiser cortar um bolo para recheá-lo, passe uma linha em volta, no sentido do comprimento, dê uma laçada, como se fosse um nó, e puxe. Se quiser cortar em várias camadas, basta mudar a posição da linha. BOLO AMANHECIDO -Um bolo amanhecido pode ficar saboroso se você umedecer com leite e depois deixar em forno moderado por alguns minutos.

-DESENFORMAR BOLO Se ao desenformar o bolo ele estiver grudado, coloque a forma por alguns segundos sobre o fogo baixo. O bolo se soltará perfeitamente do fundo da forma. BOLO DOURADO? -Se o bolo ficar dourado antes que esteja completamente assado, coloque uma forma com água na prateleira superior do forno. A MASSA E O ROLO -Ao estirar massas amanteigadas, normalmente elas grudam no rolo. Para que isso não aconteça, basta você colocar entre a massa e o rolo um plástico fino e transparente.

JOR. MASRIANA

- FAST FOOD-

- CONVERSA DE RESTAURANTE -

SAMANAU NA LISTA DAS 10 ORGANICAS BRASILEIRAS SERÁ DERRUBADO O ALAMANDA - THERMAS E PINGA FOGO

GOVERNO PASSADO UMA HERANÇA MALDITA EM TODOS OS SETORES - VIRADA ELEITORAL EM MOSSORÓ: LARISSA SEMPRE EM QUEDA LIVRE HERANÇA DE 152 MILHÕES NA SAUDE nem ter empenhos exigidos por Lei - O empenho Café São Luiz, Grande Ponto: Numa roda na cal- da despesa é o ato emanado de autoridade comçada, exclamavam: estes petente que cria para o estado obrigação de pablogueiros e alguns colu- gamento pendente ou não de implemento de connistas, que se auto inti- dição". (art. 58 da lei nº 4.320/64). tulam cientista-político Depois de pagar todo esse passivo, os laboratórios deveriam aqui no RN, passaram a exigir do governo o pagamento à vista pelo menos, ler os jor- ou não forneceriam os medicamentos. nais do Sul, para poderem criticar o governo po- Tem mesmo é de contar as safadezas O Gov. Rosalba errou porque não trouxe os fatos tiguar. Cuiabá - Mato Grosso tão graves encontrados na saúde, na polícia, na E citou: eu li na Folha de São Paulo que os hos- educação, ao conhecimento dos potiguares. Essa pitais de referência, Sorriso e Colidor, de Mato é a verdade. Use e abuse do retrovisor. O povo enGrosso, enfrentam uma greve braba na saúde há tenderá. um tempão. E a emergência dos hospitais cance- A Nota Oficial do Governo é um dez lou todas as cirurgias por falta de pacotes esteri- Agora com a Nota Oficial que foi publicada em lizados. Nos corredores tem mais de uma cente- nossa imprensa, o povo cona de pacientes aguardando, precariamente, por meça a tomar conheciento atendimento médico. da esculhambação do Gov. O Gov. de MT declara que recebeu o Estado com da Operação Ouro Negro um débito imenso nos laboratórios. E eles se Parecia até, concluiu o cidanegam a fornecer remédios e demais produtos dão, que o Gov. teria comhospitalares ao Estado. prado a ideia dos blogueiros RN e determinados jornalistas em dizer que Rosalba Se não nominassem o Estado de MT, pareceriam estava governando olhando pelo retrovisor. as notícias dos bloguistas do RN do Gov. da Ope- E tem de usar mesmo o retrovisor, pois retrata 8 ração Hígia . anos de roubalheiras e desmando nas coisas púSó que aqui o Gov. Rosalba teve de pagar débi- blicas. tos deixados pelo Gov. do Foliaduto, junto aos la- Não assuma Rosa, disse, essa miséria que fizeboratórios, de mais de 152 milhões, inclusive sem ram com o RN. Mostre ao povo! Foto:Rosalba.

O QUE AUMENTOU NOS SUPERMERCADOS

Dei uma passada nos supermercados e farmácias de Natal, esta semana. Como acompanho o preço de alimentos, bebidas e remédios em geral, constatei os seguintes índices de alta: - Cerveja 7,04% - Arroz 9,18% - Tomate 7,60% - Alho 39,64% - Cenoura 65,14% - Remédios 0,48% Em outros produtos não foram constatados aumentos. Dizem os economistas que a inflação voltou pra valer. E as medidas tomadas pela presidente Dilma agravarão, cada vez mais, as despesas com a família do povo brasileiro. Vejam: dispensou o IPI das montadoras de automóveis. Resultado: os pequenos estados e os municípios tiveram as suas receitas drasticamente reduzidas. Não puderam pagar aos seus funcionários e os compromissos com a saúde, educação e investimento de infraestrutura. Citam: Piauí, Sergipe, Roraima, Rondônia, RN etc.. Aqui no Estado, 68 municípios não receberam uma prata este mês. O funcionalismo está passando fome. Isso reflete diretamente em toda a economia do Estado. REPAGINADO FICOU MAIS BACANA

O Rest. Guinza, matriz na Via Costeira, com uma bela filial no Midway, do nosso grande amigo e restaurateur Paulo Macedo, fez uma reforma geral na matriz de seu restaurante. Agora ficou ainda mais bonito e confortável. Inclusive fez um amplo salão para recepções. Show mesmo. A culinária do Guinza é da gastronomiua japonesa mas intermedeia com a internacional. Tem uma excelente Adega. A chef de cuisine no Midway é nossa talentosa Sanylle Faraj. ABADE FECHA - BARCELAR CONSTROI O badalado Rest. Abade, matriz em P. Negra, filiais no Midway e no Alamanda Mall, Petrópolis, Natal, RN, vai fechar definitivamente no dia 27, quinta da outra semana, a filial do Alamanda Mall. Aliás, Rosa, a restauratrice, quando foi inaugurar a filial no Shopping Alamanda, eu lhe disse que naquele pedaço haviam enterrado uma caveira de burro, pois nada lá ia prá frente. Mas... ela foi em frente e botou pra quebrar levando o chef Eugênio Cantídio para dirigi-lo. Não deu outra. Todas as lojas instaladas ali já estão se mudando. A nossa grande Rosa é a ultima a segurar a alça daquele caixão. Foto: Pres. Dilma, Guinza, chef Eugênio Cantídio. O que vai ser

Comentam que a Construtora Barcelar de Recife, uma das maiores daquele Estado, comprou a área, vai derrubálo, dar um banho de sal grosso no terreno e construir um espetacular edifício. Na parte térrea será uma galeria de lojas. Nos andares superiores, escritórios e apartamentos. Nosso parabéns e êxitos. Rosa promete que Petrópolis não ficará sem o seu Abade. Está escolhendo um local para voltar a funcionar. Rosa é show. Nós desejamos votos de sucesso à Construtora Barcelar. Foto: Diretor comercial Durval Barcelar. THERMAS & RESORT ARRENDOU O grupo do Self Service Pinga Fogo dos irmãos, Elizabeth e Ricardo Salustino de Medeiros estão com grande sucesso na nova casa do CMYK

bairro de Ponta Negra. Esse grupo é um dos mais antigos de Natal. Começou com a venda de comidas, em Petrópolis, que se chamava na época de marmiteria, pois as pessoas iam buscar lá em marmitas, como a da foto.

Hotel & Resort Thermas O proprietario é a famiília do saudoso engenheiro Barbosinha. A famiília contratou como gerente regional, Washington Souza, carioca, excelente técnico em hotelaria, e que já gerenciou inúmeros hotéis no Sul e aqui em Natal. Tem realizado uma esplêndida administração. Agora o Grupo Thermas (Família Barbosa) decidiu terceirizar toda a área de gastronomia. Compreendendo os restaurantes, room-service e bares. O grupo arrendatário apresentará um serviço de alta gastronomia, digna do Thermas. Parabéns à família Barbosa e ao executivo Washington. AGUARDENTE ORGÂNICA: RN É CAMPEÃO É como sempre eu tenho dito nesta coluna e na TV Tropical, há 10 anos, que o RN tem uma vocação nata para a gastronomia e todos os seus adjutórios, sejam de bedidas destiladas, fermentadas, ou simplesmente, não alcoólicas ou fermentadas - refrigerantes ou sucos. O êxito de uma industrialização Agora mesmo o talentoso empresário seridoense Vidalvo Dadá Costa teve a sua aguardente Samanaú incluída na lista exclusiva do Ministério da Agricultura e Ministério das Relações Exteriores como um produto orgânico. O processamento exigido Isso quer dizer, internacionalmente, que o produto, no caso, a Samanaú é produzida com matéria prima – cana sem nenhum adubo químico, só adubos naturais – assim como a destilalação, a conservação em barris, sem qualquer contacto ou aditivos químicos. É, rigorosamente, uma aguardente orgânica e artesanal. Nós dissemos que em todo o Brasil, onde existe alguns milhares de alambiques de aguardente, somente 10, estão nessas privilegiadas relações. E nessas 10 estão 02 do RN, a Samanaú do Seridó, e a Extrema de Pureza. Uma história de sucesso: Dadá Costa, Samanaú Vidalvo Dadá Costa, para o mundo inteiro do Seridó, o Dadá. É político na região, principalmente na encantadora cidade de Caicó, a 280km de Natal, onde ele foi prefeito, deputado estadual, e mais do que tudo, um empresário talentoso, vitorioso e admirado. Vem de uma cidade conhecida pela identidade cultural do seu povo, pela religiosidade, pela gastronomia que torna o sabor inigualável da sua culinária, vocação agro-pastoril, com herança da miscigenação de sua gente com os holandeses e outros povos de além mar, que ali fizeram a vida e deixaram a cultura, o saber, a criatividade no trabalho, e a ternura nas lindas mulheres seridoenses. É um povo diferenciado no RN. Normalmente alto, branco e de olhos azuis ou verdes. Foto:Dadá Costa. Como surgiu a Samanaú Em 1994, com a Barragem Passagem das Traíras, que perenizou o Rio Seridó, teve início o cultivo da cana de açúcar e a ideia de transformá-la em cachaça. Pioneiramente, Dadá Costa, no mesmo ano, aceitou o desafio e em 2004 instalou no Sítio Samanaú, cujas terras são privilegiadas, um alambique artesanal onde iniciou a produzir a cachaça Samanaú. Fez competente estudo de mareketing. Uma garrafa de design muito bonito. Rótulo perfeito. Produto inigualável. Logo, logo, ganhou o mercado nacional e já começou a exportar para a Europa e China, de onde hoje importa suas garrafas. É respeitado o seu sabor suave, fruto de três anos de envelhecimento em barris especiais. Sua expansão é em ritmo da ousadia dos homens vitoriosos. Como sou fã dessa cachacinha, Dadá um abraço e sucesso!

VIRADA ESPETACULAR EM MOSSORÓ

Dobradinha da Quatro - Amigos, acabo de chegar de Mossoró. A eleição de lá deu uma virada danada! Quando eu estive em Mossoró em julho, vejam, tomei notas dos institutos de pesquisas. Pra voces entenderem: a Estimulada é quando o pesquisador mostra um papel com o nome dos candidatos; Espontânea, a pesquisadora pergunta em quem a gente vai votar pra prefeito. Deu para entender?

OS DADOS

MAIORIAS

1ª -Instituto CONSULT Dias 3 e 4 de Agosto/2012 Larissa Cláudia Totais Última - Instituto CONSULT Dias 3 e 4 de Setembro Larissa Cláudia Total

Estimulada 46,00% 28,00% 18,00% 47,50% 38,17% 9, 33%

Espontânea Estimulada 18.00% 20.33% 9,67% 10 ,66% Estimulada 9,33% 40,00% 33,17% 5 , 00%

1ª-Intituto CERTUS Dias 12,13 e 14 deJulho/2012

Larissa Espontânea 10,66%

Espontânea 5,00%

MAIORIAS Larissa Espontânea 7,60%

Estimulada Espontânea Estimulada Larissa 42,60% 29,60% 11,20% 22,00% Cláudia 31,40% Total 11, 20% 7,60% Ùltima-Instituto CERTUS Dias 30, 31 Agosto e 1º de Setembro/2012 Estimulada Espontânea Estimulada Espontânea Larissa 41,80% 40,01% 9,40% 5,68 34,33% Cláudia 32,40% 9,40% 5,68% Total Obs:A situação hoje : Larissa , 1a.Pesquisa da CONSULT,Julho, na Estimulada maioria sobre Cláudia de 18% e na Espontânea de 10,66%. Na Ultima Pesquisa Consult,agora, Setembro, Larissa ,na Estimulada caiu para 9,33% e na Espontânea para 5,00% .No Instituto CERTUS , na 1a. Pesquisa em Julho, Larissa maioria sobre Cláudia, na Estimulada de 11,20% e na Espontânea de 7,60% . Na Última Pesquisa CERTUS, Larissa na Estimulada tem 9,40% e na Espontânea para 5,68%.O que demonstra um empate técnico,em ambos os Instituto.Contudo lembramos que Larissa começou com 18% de maioria e não parou mais de cair.Cláudia só fez subir e continua em crescimento.

JOGO SUJO EM PARNAMIRIM

Rest.Galinha no Xerem-ParnamSacanagem grande nas eleições de Parnamirim. Um conhecido político, que na vida só exerceu cargos públicos e acumulou uma razoável fortuna; que é useiro e vezeiro de armar sujeiras em politicas e no governo, sempre anonimamente, contra seus adversários e no desespero de derrotas, jogou nos jornais e imprensa, televisiva e eletrônica de Natal, que o cand. a Pref. Gilson Moura, daquela cidade, fora denunciado na Operação Pecado Capital. Mas

foi desmoralizado pelo juiz federal que falou: o candidato Gilson não consta no rol dos indiciados no Processo Pecado Capital. O porquê da safadeza O cand. Gilson acusa o pref. e cand. à reeleição Maurício Marques de ter um mundo de processos na Justiça, e apresenta uma certidão de que ele, Gilson, não é processado em canto algum. É verdade que o pref. Maurício tem processos. Contudo todos, ou 99% são oriundos de quando ele era vice-pref. do ex. pref Agnelo Alves. Ele, Maurício, não tem culpa, como vem provando em juizo. A culpa é do ex-prefeito.

AAI EU ME VIREI E TODOS TINHAM DESAPARECIDOS

CMYK

FLIP 15/09/2012  

Cidades, cultura, politica e economia

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you