Issuu on Google+

Terça-feira

Ano XV w NATAL-RN,

9 DE OUTUBRO DE 2012 w Nº 4.462

R$ 1,00 w jornaldehoje.com.br

> “ALIANÇA POSSÍVEL E VIÁVEL”

Garibaldi acredita que PT apoiará Hermano Morais no segundo turno da eleição de Natal MINISTRO AFIRMA QUE O PMDB TEM BOM DIÁLOGO COM OS LÍDERES FÁTIMA BEZERRA E FERNANDO MINEIRO: “NOSSA ALIANÇA HOJE É MAIS ESTREITA. E TUDO ISSO NOS PERMITE ANTEVER A POSSIBILIDADE DE TERMOS UM ENTENDIMENTO” POLÍTICA 3

Heracles Dantas

> INSTITUTO DO CÉREBRO DA UFRN

Pesquisa indica controle para doenças de memória CIDADE 7

> APENAS 10 DIAS...

Contrato encerrando deixa funcionários apreensivos PREFEITURA

NÃO ASSUMIRÁ GESTÃO E CONTRATO DA

ACABAR NO DIA

19. FUTURO

DE

UPA

E

AMES

Richardson Leão explica que descoberta de grupo de neurônios que controla entrada e saída de memórias do cérebro ajuda em tratamentos

MARCA

VAI

ESTÁ INDEFINIDO CIDADE 6

> CONSTRUÇÃO

> SUSTO

> ARENA

Liberação de áreas da Via Costeira volta a ser discutida

Comandante geral da PM é baleado por subtenente

Presidente do América assina contrato e obra começa dia 15

Debate sobre a liberação de áreas para novos projetos na Via Costeira será retomado. Esta semana será discutido em encontros na OAB e UFRN. ECONOMIA 8

Coronel Alves foi chamado para socorrer o subtenente Tavares, mas quando chegou foi recebido a tiros. Acusado sofre de transtornos psiquiátricos. CIDADE 10

Alex Padang confirma o início da construção da Arena América, com contrato assinado esta tarde. Previsão é que em 8 meses o estádio esteja pronto. ESPORTE 15

> “ESTILO, MODA E TECNOLOGIA” Heracles Dantas

ESCREVEM ARTIGOS DA EDIÇÃO DE HOJE Sílvio Caldas Roger Spode Brutti João Felipe da Trindade Paulo Lopo Saraiva Afranio Pires Lemos Sérgio Luiz Bezerra Trindade OPINIÃO - Página 2

Maior evento de arquitetura da América Latina acontecerá pela primeira vez no Estado, entre os dias 17 de outubro e 30 de novembro, na antiga fábrica da Sam's

Preparativos para a realização do Casa Cor RN estão na etapa final

CIDADE 9

Marcos A. de Sá

Daniela Freire

Vicente Serejo

Rubens Lemos F.

Página 12

Página 13

Página 16

SYLVIA SÁ INTERINA

Página 8

w Programa de Rastreamento e w Briga no segundo turno da Monitoramento de Agrotóxicos eleição de Natal será pelo será lançado quinta-feira no RN. apoio de Fernando Mineiro. INDICADORES: Dólar comercial R$ 2,03 Dólar turismo Dólar/Real

R$ 2,09 R$ 2,03

Euro x real R$ 2,62 Poupança 0,5% / 0,42% Taxa Selic 7,5%

EMAIL REDAÇÃO:

w Hermano vai às ruas levando w Primeiros dias seguintes à apunas costas o fardo de ser um ração dos votos sempre foram terríveis para os perdedores. candidato governista.

jornalismo@jornaldehoje.com.br

ACESSE O SITE:

www.jornaldehoje.com.br

SIGA-NOS NO TWITTER:

@jornaldehoje

TOTAL DE PÁGINAS NESTA EDIÇÃO

20 CMYK


2 O Jornal de HOJE

Artigo

Opinião

Natal, 9 de outubro de 2012

SÉRGIO LUIZ BEZERRA TRINDADE, professor do IF-RN (slbtrindade@yahoo.com.br)

Amancio

Terça-feira

Artigo

amancionatal@gmail.com / www.chargistaamancio.blogspot.com

AFRANIO PIRES LEMOS, escritor (afrapil@yahoo.com.br)

Nelson 100 Nascido na cidade do Recife, em 23 de agosto de 1912, Nelson Rodrigues era o quinto filho dos catorze (Milton, Roberto, Mário Filho, Stella, Joffre, Maria Clara, Augustinho, Irene, Paulo, Helena, Dorinha, Elsinha, Dulcinha e, claro, Nelson) que o casal Maria Esther Falcão e o jornalista Mário Rodrigues conceberam. São cem anos do nascimento de Nelson. E muito se escreveu sobre o anjo pornográfico, como ele próprio se definiu e como está na melhor biografia escrita sobre ele. Nelson Rodrigues revolucionou o teatro brasileiro com três peças monumentais: "Doroteia", "Senhora dos Afogados" e, a maior de todas, "Álbum de família". Nas duas primeiras, mais na segunda que na primeira, o coloquialismo e a poesia andam amarradas uma à outra, traço marcante do autor. Em "Álbum de família", uma apologia do incesto, está a redenção do teatro brasileiro. Nela Nelson demonstra toda a genialidade, num texto que até hoje é revolucionário e que ainda desafia os críticos. A linguagem coloquial, falada na rua, somada à imoralidade puseram a crítica, principalmente a acadêmica, contra Nelson. Para essa crítica existe uma maneira certa e formal de escrever. Ela não entende a riqueza e a criatividade da língua portuguesa brasileira. A fiar-se nela, não existiriam monstros como Rubem Braga, Carlos Drummond (quando faz poesia), Mário de Andrade e tantos outros. As três peças acima mencionadas foram o início da perseguição ao revolucionário das letras. O conservadorismo tacanho logo o converteu num safado, tarado, imoral. O ápice dessa perseguição se deu na segunda metade da década de 1950, quando a pressão dos puritanos de sempre levou à suspensão

Artigo

dos ensaios de "Senhora dos Afogados". Na década de 1950, Nelson jogou tudo para o alto e resolveu cair de cabeça no jornalismo e na produção de textos simples, como "A vida como ela é" e "Toda nudez será castigada", postura que o lançou nos braços da classe média consumista e o tornou bastante popular. Muito do que escreveu nessa fase foi parar nos cinemas. Grande frasista, muitas das frases e expressões ("padre de passeata", "freira de minissaia", "aluna de psicologia da PUC", "grã-fina das narinas de cadáver") e das metáforas sobre futebol, algumas tolas, que cunhou continuam sendo repetidas sem reflexão alguma. O homem que era odiado como um devasso pela direita, atraiu o opróbrio da esquerda por ter se alinhado com o regime dos generais e por elogiar publicamente um déspota assassino como Médici. Isso é verdade, mas há um que de simplificação na tese, visto que não deveria espantar a ninguém um anticomunista visceral como Nelson formar ao lado de um regime que nascera visceralmente anticomunista. O que chocava de fato, mesmo aqueles que eram seu amigos e admiradores, era vê-lo, um literato que sacudira a poeira do teatro brasileiro, um revolucionário das letras, negar ofensivamente a existência da repressão, a tortura e a morte de adversários do regime nos porões das repartições do governo. Nos cem anos de nascimento de Nelson também deveria vir à tona o porquê de um autor que produziu o que ele produziu (mais de vinte peças teatrais, um sem número de crônicas, alguns romances, muito disso encenado e filmado, quase tudo com grande audiência) tenha passado pelas dificuldades financeiras que ele passou e tenha morrido sem deixar praticamente nada. No mínimo estranho.

SÍLVIO CALDAS, juiz do Trabalho aposentado (jsc-2@uol.com.br)

Ainda sobre o Mensalão O julgamento ainda não terminou e pelo andar da carruagem, na prática Zé pegará no máximo prisão em regime semi-aberto ou coisa menor. Esse é o sistema e temos que nos submeter. Entretanto o julgamento passará para a História do país, não tanto pelo resultado, mas por certos pronunciamentos e certos comportamentos de alguns ministros. Hoje em dia, graças aos recursos tecnológicos, podemos apreciar através da televisão não só os pronunciamentos, mas as expressões faciais e o cinismo ou a sinceridade de todos os presentes. Quem quiser, por exemplo, pode tornar a assistir o grande ministro Celso de Melo dizer: "A ordem jurídica, senhor presidente, não pode permanecer indiferente a condutas de membros do Congresso Nacional ou de quaisquer outras autoridades da República – que hajam eventualmente incidido em censuráveis desvios éticos e reprováveis transgressões criminosas, no desempenho da elevada função de representação política do povo brasileiro. Sabemos todos que o cidadão tem o direito de exigir que o Estado seja dirigido por administradores íntegros,

Artigo

por legisladores probos e por juízes incorruptíveis. O direito ao governo honesto – nunca é demasiado reconhecê-lo – traduz uma prerrogativa insuprimível da cidadania. A imputação, a qualquer membro do Congresso Nacional, de quantos que importem em transgressão ao decoro parlamentar revela-se de fato que assume, perante o corpo de cidadãos, a maior gravidade, a exigir, por isso mesmo, por efeito de imposição ética emanada de um dos dogmas essenciais da República, a repulsa por parte do Estado, tanto mais se se considerar que o Parlamento recebeu, dos cidadãos, não só o poder de representação política e a competência pra legislar, mas também, o mandato para fiscalizar os órgãos e agentes dos demais Poderes." O voto do ministro foi longo – merecidamente longo. Não dá para reproduzir tudo aqui. Pronunciamento digno de um Rui Barbosa, no mínimo. Nada obstante, outro ministro acabou por defender na sessão seguinte a tese que Zé não sabia de nada e de nada participou em relação ao Mensalão. É ver para crer.

ROGER SPODE BRUTTI, delegado de Polícia Civil (roger.brutti@gmail.com)

Irresponsabilidade e morte no trânsito Se você emprestar o seu veículo, ainda que por curto espaço de tempo, a amigo seu que está visivelmente embriago, e este vier a causar acidente de trânsito com morte, você acredita que sua conduta estará subsumida no singelo artigo 310 do Código de Trânsito Brasileiro o qual diz ser crime "permitir, confiar ou entregar a direção de veículo automotor a quem, por embriaguez, não esteja em condições de conduzi-lo com segurança"? Você acredita, ainda, que a sua pena será de tão somente "detenção, de seis meses a um ano, ou multa", à luz do artigo supra? Não, você será submetido a julgamento pelo Tribunal do Júri pelo crime de homicídio doloso! Esse foi o entendimento do Superior Tribunal de Justiça (STJ) em recente decisum. Infere-se do julgado referido que entregar a direção de veículo automotivo a motorista alcoolizado pode caracterizar homicídio qualificado com dolo eventual. Ele ocorre quando o agente, mesmo sem buscar o resultado morte, assume o risco de produzilo. O entendimento foi dado pela Quinta Turma do STJ em pedido de habeas corpus contra julgado do Tribunal de Justiça de Pernambuco. No STJ, a defesa sustentou a tese de erro na denúncia, pois não teria ocorrido homicídio, e sim o delito do artigo 310 da Lei 9.503/97. Não obstante, a relatora do processo, ministra Laurita Vaz, considerou que eventual erro na tipificação do crime não torna a peça

acusatória inepta. "O réu defende-se dos fatos objetivamente descritos na denúncia e não da qualificação jurídica atribuída pelo Ministério Público ao fato delituoso", afirmou. No entendimento da relatora, a denúncia descreve de modo suficiente a existência do crime em tese e também a autoria, com os indícios necessários para iniciar a ação penal. Ela acrescentou que a atual tendência jurisprudencial é de imputar o crime de homicídio a quem passa a direção à pessoa embriagada, pois, mesmo não querendo a morte da vítima, assumiu o risco de produzi-la, configurando o dolo eventual. Muito interessante e oportuna foi, ainda, a observação da relatora, in verbis: "ressalto que se deve evitar o entendimento demagógico de que qualquer acidente de trânsito que resulte em morte configura homicídio doloso, dando elasticidade ao conceito de dolo eventual absolutamente contrária à melhor exegese do direito", ponderou. Louvável, assim, a decisão, pois, com o fluxo de veículos aumentando simetricamente, ao que parece, com a irresponsabilidade de condutores que se mostram progressivamente apáticos e indiferentes para com as mais remotas, fundamentais e singelas regras de segurança, nada mais oportuno do que o Poder Judiciário conceder tratamento firme e enérgico para com episódios desvaliosos como o descrito neste redigido.

Alhos e bugalhos

Artigo

JOÃO FELIPE DA TRINDADE, professor da UFRN, sócio do INRG e do IHGRN (jfhipotenusa@gmail.com)

As pesquisas e o futuro de Natal Eu não acredito que tenha havido manipulação por parte dos institutos de pesquisas com relação à eleição para prefeito da cidade do Natal. Acho, na verdade, que há necessidade de introduzir novas variáveis nas pesquisas que ajudem perceber as migrações de votos de um candidato para outro. Por que em pouco tempo um quadro quase consolidado se transforma em uma situação não esperada? Não foi somente a fé de Mineiro que fez o quadro mudar. Alguma coisa a mais aconteceu que não conseguimos perceber e que precisa ser estudada, caso contrário, os institutos ficarão totalmente desacreditados. O mundo é outro e as comunicações entre as pessoas se dão de forma rápida. Não me parece que tenha havido um acontecimento inesperado que fez a população se manifestar diferente do que era esperado. Os institutos devem imediatamente ir atrás da pesquisa real e descobrir onde se deu a maior migração de votos e como isso aconteceu. Para a pesquisa de segundo turno, uma pergunta bem formulada, também, pode ter uma indicação dessa modificação. Havia uma avaliação positiva da participação de Mineiro no último debate. Mas, a boa performance em um debate não é suficiente para que um eleitor faça a escolha do futuro governante da cidade. Alguma informação perversa circulou entre os eleitores? Alguma propaganda subliminar atingiu em cheio a mente dos votantes? Os buracos, o lixo, o trânsito mais difícil, os problemas na saúde são reflexos de problemas de administração da cidade. O que aconteceu que penalizou a cidade em

Artigo

poucos anos? Quais as causas que deram origem a essa transformação? É possível reverter isso em pouco tempo? Se nós não sabemos a origem disso, não saberemos, com efeito, fazer uma boa escolha. Não tive oportunidade de examinar a proposta orçamentária para 2013, antes de fazer este artigo, pois, não encontrei no site da Prefeitura, mas examinei o orçamento de 2012. Por ele tive acesso a evolução da receita do tesouro e da despesa, desde 2008. Um detalhe importante que me chamou a atenção foi a evolução da despesa com pessoal e encargos. Segundo os dados da Secretaria de Planejamento do Município de Natal, a despesa realizada com esse item foi, em 2008, de R$ 503.610.000,00 e, em 2010, de R$ 733.106.000,00, isto é, no ano de 2010, a prefeitura já gastava, com pessoal e encargos, 229 milhões reais a mais por ano. Imagine o impacto desse valor sobre o orçamento municipal, considerando que a receita total (incluindo aí recursos federais), deste último ano, foi R$ 1.194.394.000,00. Com uma receita tão pequena e com outras obrigações, sobrou pouco para manutenção e investimento de toda a cidade. Na verdade em 2008, o investimento foi de mais de 227 milhões, enquanto no ano de 2010 foi de aproximadamente 84 milhões. Outro detalhe que tomamos conhecimento são as dívidas que Prefeitura está acumulando com os fornecedores. Além disso, neste segundo semestre, usando a justificativa da lei eleitoral e da lei de responsabilidade, nenhuma vantagem legal está sendo dada ao servidor. Com isso, entraremos o ano de 2013 com muitas

despesas represadas que causarão grande pressão ao futuro governante. Mais uma coisinha: a Prefeitura não tem um terreno para construir uma escola ou uma unidade de saúde. Teria que desapropriar. E o dinheiro para isso? A situação em 2013 não se modificará substancialmente, mesmo que o futuro Prefeito tome uma série de providências. Não vislumbro nenhuma medida que possa reduzir a despesa com pessoal e encargos, em valores significativos. Uma receita que poderia ajudar seria proveniente da dívida ativa, mas não é fácil. Outra, a proveniente dos inadimplentes do IPTU, também de difícil solução. Não é com o governo federal ou com o governo estadual que as contas da Prefeitura serão equilibradas. O mundo permanecerá em crise por um bom tempo. Neste segundo semestre, como já sabemos, o Fundo de Participação caiu significativamente, penalizando os municípios. Os balanços da prefeitura deste ano são boas fontes para exame dos candidatos, como também o orçamento de 2013 já encaminhado para a Câmara Municipal. Como resolver os problemas que afetam nossa cidade, se o equilíbrio das contas da prefeitura não é uma questão simples de resolver? Que candidato tem mais condições de comandar essa falência? Boa sorte Natal. Visite nosso blog http://putegi.blogspot.com onde continuamos postando assuntos genealógicos como, por exemplo, Dr. Cipriano Galvão da Trindade, médico cuja família está entrelaçada com os Lopes Galvão e os Trindade de Papari.

PAULO LOPO SARAIVA, pós-doutor em Direito Constitucional (pauloloposaraiva@hotmail.com)

A OAB e o impeachment do ex-presidente Collor No livro intitulado "A OAB e o impeachment", o ex-presidente da OAB nacional, Marcelo Lavanère Machado historia os acontecimentos políticos e jurídicos, relativos à participação da OAB, no processo de afastamento definitivo do expresidente Fernando Collor de Mello. Marcelo Lavanère é alagoano, conhecedor profundo dos costumes e práticas políticas da terra dos "Marechais". Vivenciou muitas das atividades deste histórico processo, conhecendo, como ninguém, as práticas abusivas que geraram tanta corrupção política. Em 1992, por designação do presidente Marcelo, eu já coordenava a Comissão de Estudos Constitucionais do Conselho Federal da OAB, a instância máxima de controle da constitucionalidade da OAB. AOAB não esperou pela conclusão da CPI que investigou o fato corrupcional. Em junho de 1992, realizou a vigília pela ética na política, em Brasília, iniciando, assim, a caminhada vitoriosa que culminaria com o impeachment do presidente Collor, em dezembro de 1992. Participei ativamente deste histórico processo e fui um dos poucos juristas escolhidos pelo presidente Marcelo, para oferecer uma opinião sobre a decretação da inelegibidade do ex-presidente Collor. O presidente Marcelo convocou os juristas Paulo Bonavides, Sérgio Bermudes, Marília Murici, José Paulo Cavalcanti Filho, Cármen Lúcia Antunes Rocha, Paulo Lopo Saraiva, Evandro Lins e Silva, Fábio Konder Comparato, Sérgio Sérvulo da Cunha. Na época, em parecer jurídico, afirmei: "Renúncia não extingue julgamento I - Posicionamento inicial da questão O Dr. Marcelo Lavanère Machado, presidente do Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil - OAB, indaganos se é constitucional o Senado Federal continuar a sessão de julgamento do presidente da República, caso ele apresente carta de renúncia. A dúvida do ilustre e combativo presidente do Conselho Federal da OAB é de fácil resposta. Desde o início do processo de responsabilidade do presidente da República, oferecemos parecer, no sentido de que a "sacra indignatio" do povo brasileiro contra a quadrilha de malfeitores que se montou no Poder Executivo, deveria motivar e energizar o Congresso Nacional, para que este produzisse soluções rápidas e

seguras, longe da procrastinação que tem caracterizado alguns dos procedimentos legislativos e judiciais brasileiros. O processo de impedimento e destituição do presidente da República tem sede constitucional e todos os seus procedimentos devem se nortear pelo que se encontra estatuído pela Lei Fundamental. No caso em foco, a Constituição Federal é peremptória e explícita. Senão vejamos: O parágrafo único do art. 52 da Constituição assim determina: Parágrafo único: "Nos casos previstos nos incisos I e II, funcionará como presidente o do Supremo Tribunal Federal, limitando-se a condenação, que somente será proferida por dois terços dos votos do Senado Federal, à perda do cargo, com inabilitação, por oito anos, para o exercício de função pública, sem prejuízo das demais sanções judiciais cabíveis." O inciso I do pré-falado artigo trata de processo de julgamento do presidente e vice-presidente da República, nos crimes de responsabilidades e dos ministros de Estado nos crimes da mesma natureza conexos com aqueles. O inciso II refere-se ao processo e julgamento dos ministros do Supremo Tribunal Federal, do procurador-geral da República e do advogado-geral da União, nos crimes de responsabilidade. II - A Renúncia do Ato Unilateral do presidente Na hipótese de o presidente da República renunciar, cabe ao Congresso Nacional receber e acatar a renúncia, de vez que se trata de ato de vontade unilateral, sem possibilidade de apreciação pelo Poder Legislativo. No caso em tela, a renúncia, vale dizer: O presidente, pela renúncia, confessa que praticou os atos delituosos de que está sendo acusado. E, pois, uma confissão pública. III - O presidente não pode nem deve posicionar-se acima do Senado. Se o Senado não prosseguir julgamento, curiosa e ardilosamente, o presidente-réu ficará acima do Tribunal de Julgamento. Ora, isto seria um despautério. Como se pode admitir que um acusado, por ato de livre e espontânea vontade, após confessar seus crimes, fica isento de pena estatuída pela Constituição? Estaríamos diante da inversão de toda a ordem jurídica. O réu, depois de declarar publicamente sua culpabilidade, beneficiarse-ia de um ato seu, para fugir da inabilitação política, portanto, evadir-se da penalização pelos crimes que praticara. Sem dú-

vida, isto jamais seria juridicamente possível. É a impossibilidade ad extremum. IV - O Senado deverá julgar o presidente e aplicar-lhe a Pena de Inabilitação. Numa linha alternativa e enérgica de interpretação constitucional, tem-se por induvidoso de que o Senado deverá prosseguir no julgamento e aplicar a pena de inabilitação ao renunciante. A Constituição de modo claro e específico, institui duas penas para o caso "subexamine": a pena de destituição do mandato, se condenado for o acusado e a pena de inabilitação, se renunciar ou for condenado. São penas distintas e constitucionalmente postas. V - Todo julgamento tem uma decisão final O julgamento político-jurídico exige uma decisão final. Este tipo de sentença é abrangente e é elaborada pela opinião pública. O Senado Federal, no exercício de uma função atípica, não poderá nem deverá fazerse surdo ao clamor público que, de modo expressivo e impositivo, exige a destituição do Presidente da República. A defesa apresentada não vulnerou os sólidos e decisivos argumentos indicados pelos denunciantes e confirmados pelo testemunho de pessoas do povo. A hipótese de extinção do processo, com a renúncia, é extemporânea e não merece sequer ser conhecida, quanto mais provida. E que a base doutrinária para sua sustentação firma-se em argumentos obsoletos e ultrapassados que não mais se compadecem com a contemporancidade constitucional. V - Conclusão Pela análise realizada, ainda que sucinta, à vista do tempo, pode se inferir: a) Se o presidente renunciar, o Senado deve prosseguir no julgamento e aplicar a pena de inabilitação; b) O processo jurídico-político, como é o impeachment, deve ser concluído e nunca extinto; c) O presidente, pelo ato de renúncia unilateral, jamais poderá ficar acima do Tribunal que o julga; d) Para o caso em exame, a interpretação deverá ser alternativa e enérgica, sintonizada com o clamor da sociedade brasileira. É o que penso. Brasília-DF, 28 de dezembro de 1992." A evocação deste episódio vivifica a minha crença na justiça e no Brasil.

– Ouve-se o povo e suas preocupações. Há análises sobre o progresso da cidade. A cidade cresce cada dia, desenvolve-se num ritmo falastrão e pra quê? Pra ficar parada no trânsito? Não andar pelas calçadas, quebradas, desniveladas, alteadas, esburacadas? . – As cidades crescem. É tendência natural. Por exemplo: Parnamirim não é mais do tamanho que era no tempo da guerra, aquele distrito de Natal a se desenvolver a toque de necessidade bélica. Aí emancipouse, botaram Agnelo como prefeito, e a cidade cresceu. Cresceu e avolumaram-se os problemas, alguns digitais, outros puídos tanto, que Maurício não pode dar conta de tudo. E o que se vê? – O que se vê onde? – Pergunto eu, ó mané! O que se vê em Natal, nos arredores de Natal ou lá pela longínqua Natal? Como vai o definhamento de Venha Ver? Como vai Jardim do Seridó, que fica na curva de passadas eras e de todas as desesperanças, todas as tentativas de progresso, pelo que se sabe. Como vão Acari, Caicó, Parelhas? – Não poderemos lhe responder. – É o que se diz. Hoje há a lei da responsabilidade fiscal que é desmantelo. Você não pode tirar mais do que bota. E se não botam o que deveria, deve se arrecadar mais, criar mais estruturas, vê-se mais no sereno da luta. – Isto é greve. – Não. É grave. A cidade completamente entregue às baratas; as baratas vigiando as ruas; as ruas se escondendo com medo de ratos. Ratazanas, dessas de cais de porto. E o medo. O desmantelo no meio do mundo. Niilismo. Famílias inteiras correndo pros grandes centros e centros pequenos sem centro. Sem padaria, sem tino. Sem fabriquetas. Só televisão. Muita televisão e pouca bolacha. Sem burros. Acabaram-se os burros. E os desmantelos ficaram comendo um galo. Noite. Dia. Sol. O que se faz? – O que se faz? – Perguntei eu. O que se faz? Nada? – Sim. Nada? – Absolutamente nada de coisa alguma; colega. Você vê o povo reclamar pela mídia em peso. O povo quer ovo estrelado. Quer gemada pro filho pequeno. Que tomar pé no eixo da terra. E viu que a sua inclinação está avantajada. A terra não suporta mais este estado de coisas e vai agir na hora agá. Terremotos. Procure-se um advogado. – Advogado? Pra que? – Para abrir um processo. – Contra quem? – O cabuloso que chega, fica, treme de rir; escusado é dizer. Meu amigo: não é assim. É verdade que a população deveria sempre se manifestar. Não apenas a imprensa. Não só as emissoras de radio e TV. Mas o povo, com um advogado, pra mostrar que se torna impossível conviver com este estado de coisas, de maneira assim, com laqueado assim. Isso não é laqueado. Isso é afronta a tudo quanto é democracia. Não viu o Putin? – Que Putin? – O presidente da Rússia. Tem uma casa na Rua da Crua, outra na Rua da Bica, outra maior no Beco da Injusta, duas fazendas pras bandas do Deslizado, fora o palácio da Constipação e a fortuna que a mídia nos mostra. E a gente vê como o povo é tolo. – Que tolo, sêo bolorento! Não se pode enfrentar autoridade que manda mais que a mãe de calor de figo. Precisa atenção. – E medo. – Medo: de quê? – De que a corda se quebre do lado fraco. – O de Arnaldo, por certo! Vai nessa. – Homem, é difícil se adaptar ao sistema de hoje. Parece que há circunstâncias tais no ar. Melhor desligar o computador. Peça aí ao Arnaldo. – Eu? Pedir ao Arnaldo? Do jeito que está com aquela cara? Vai tu. – Não. Eu não posso. E Paulo e Jorjão não vão. – Então meu Chico? A vida é isso! A POESIA SERVE, SIM NERA NÃO Sozinho no campo pensava que o mundo era bola que uns brasileiros sabiam chutar

NOTÍCIAS QUE OS OUTROS PUBLICARÃO AMANHÃ

OJORNALD EHOJE DIRETOR-EDITOR Marcos Aurélio de Sá DIRETOR ADMINISTRATIVO Marcelo Sá DIRETORA DE REDAÇÃO Sylvia Sá

EDITORES Fernanda Souza Juliana Manzano João Ricardo Correia EDITOR DE POLÍTICA Túlio Lemos EDITOR DE ESPORTES

w w w . j o r n a l d e h o j e . c o m . b r Gabriel Negreiros EDITORA DE CULTURA Daniela Pacheco EDITOR RESPONSÁVEL / PORTAL JH Wagner Guerra GERENTE COMERCIAL Karina Mandel

ASSINATURA ANUAL Capital: R$ 210,00 Interior (via ônibus): R$ 250,00 Interior e outros Estados (via correios): valor da assinatura + o custo da postagem EXEMPLAR AVULSO R$ 1,00

ASSINATURA SEMESTRAL Capital: R$ 130,00 Interior (via ônibus): R$ 150,00 Interior e outros Estados (via correios): valor da assinatura + o custo da postagem EDIÇÃO ATRASADA R$ 4,00

O JORNAL DE HOJE se reserva o direito de não aceitar informes e material publicitário que infrijam as leis do país e a ética jornalistica. Informações, comentários e opiniões contidos em artigos assinados não possuem, necessariamente, o endosso da Direção. Só é permitida a reprodução de matérias com prévia autorização escrita e com a citação da fonte em destaque

REDAÇÃO E OFICINAS: Rua Dr. José Gonçalves, 687 - Lagoa Nova | Natal - RN - CEP 59056-570 |Brasil - Telefax: (84) 3211-0070 ramal 214 - Assinaturas: (84) 3221-5058 | jornalismo@jornaldehoje.com.br - www.jornaldehoje.com.br Editado e publicado por RN Gráfica e Editora Ltda. http://www.jornaldehoje.com.br - jornaldehoje@digi.com.br - jornaldehoje@uol.com.br - artigos@jornaldehoje.com.br - administracao@jornaldehoje.com.br - jornalismo@jornaldehoje.com.br - assinaturas@jornaldehoje.com.br - comercial@jornaldehoje.com.br


Política

Terça-feira

Natal, 9 de outubro de 2012

O Jornal de HOJE 3

Para ministro Garibaldi Filho, aliança do PMDB com o PT é possível e viável PEEMEDEBISTA ACREDITA QUE PARTIDO TEM RELAÇÃO “MAIS ESTREITA” COM PT PARA POSSÍVEL ALIANÇA NO SEGUNDO TURNO ALEX VIANA REPÓRTER DE POLÍTICA

O ministro da Previdência, Garibaldi Filho (PMDB), afirmou esta manhã a O Jornal de Hoje que a aliança com o PT em Natal, em torno de Hermano Morais (PMDB), é "possível e viável" e que os peemedebistas têm hoje uma relação "mais estreita" com os petistas. Garibaldi afirmou ainda que o PMDB tem um bom diálogo com os líderes Fátima Bezerra (PT) e Fernando Mineiro (PT). "Nós somos aliados com relação ao apoio ao governo federal. O PDT também é. Mas nossa aliança hoje é mais estreita. Nós temos inclusive um acordo para eleger o presidente da Câmara, temos o vice-presidente Michel Temer, temos também um bom diálogo com os dirigentes do PT, a deputada Fátima e o próprio Mineiro. Tudo isso nos permite antever a possibilidade de termos um entendimento que leve o PT a apoiar Hermano no segundo turno", destacou Garibaldi. O ministro lembrou que o candidato do PT, Fernando Mineiro,

afirmou que iria consultar as instâncias partidárias antes de tomar uma posição em relação ao segundo turno destas eleições. Indagado sobre o argumento do PDT para ter o apoio do PT - ter apoiado Fátima Bezerra em 2008 - o peemedebista disse que o PMDB também apoiou a petista naquela eleição. "O deputado Mineiro disse que iria consultar as instâncias partidárias. Acho que essa aliança é possível e viável", disse o ministro. Garibaldi afirmou ainda que a união com o PT em Natal será o grande desafio do PMDB neste segundo turno. "O grande desafio do PMDB será reunir as forças políticas que não chegaram a esta fase, principalmente o PT do deputado estadual Fernando Mineiro. Todos nós alimentamos expectativas e esperanças. Vai depender dos entendimentos", ressaltou o ministro, que está em Brasília e que deverá retornar a Natal nesta sexta-feira para participar dos entendimentos em torno da aliança municipal. ESTADO Em nível de Estado, o ministro

José Aldenir

Garibaldi classifica aliança como “grande desafio”: “Temos um diálogo com os dirigentes do PT, Fátima e o próprio Mineiro” da Previdência avaliou como "muito bom" o resultado eleitoral para o PMDB no Rio Grande do Norte. O partido elegeu 50 prefeitos, número que poderá chegar a 53, inclusive com a conquista da capital, onde

a legenda disputará o segundo turno com Hermano Morais. O PMDB foi o partido que elegeu o maior número de prefeitos em todo o estado, ficando a frente de legendas fortes como o DEM da governadora Ro-

salba Ciarlini e do senador José Agripino, que elegeu menos da metade, 23 prefeitos. "A meu ver, foi um resultado muito bom. Eu diria até que nos dá a certeza de que nós temos, hoje, no

Estado, uma cobertura muito boa. Chegamos aos maiores, pequenos e médios municípios. Tivemos vitórias nesses municípios, com relação à densidade eleitoral, bem razoável", analisou Garibaldi. NACIONAL Em São Paulo, o PMDB declara nesta terça apoio ao candidato do PT à prefeitura, Fernando Haddad. O vice-presidente Michel Temer anunciou ao lado de Gabriel Chalita, candidato peemedebista, apoio ao PT. Este será o primeiro exemplo da união entre PT e PMDB que deve ser fortalecida a partir de agora, conforme acerto feito na manhã de ontem entre a presidente Dilma Rousseff e Temer. Na conversa, ficou acertado que, onde houver candidato do PT em disputa no segundo turno, o PMDB estará no mesmo palanque. Onde for o contrário, também. O PT disputa o segundo turno em seis capitais (São Paulo, Salvador, João Pessoa, Rio Branco, Fortaleza e Cuiabá) e o PMDB em três (além de Natal, Campo Grande e Florianópolis).

Arquivo

> PRESIDENTE DO PT

“Dilma não ligou para mim. Quando ligar, digo: Militantes de Natal é que vão decidir”

Carlos Araújo, presidente do Diretório em Natal: Decisão após debate com militância

Caso queiram o apoio dos petistas locais, os candidatos que irão disputar o segundo turno em Natal, Carlos Eduardo Alves (PDT) e Hermano Morais (PMDB) devem correr. Isso porque o Partido dos Trabalhadores deverá anunciar até este final de semana qual candidatura apoiará nas eleições deste ano. Segundo o presidente do Diretório do PT em Natal, Carlos Araújo, está havendo muita conversa entre os dirigentes e militantes, mas ainda será agendada uma reunião da executiva petista, que, em seguida, convocará o diretó-

rio. “A decisão será do diretório, após o debate com a militância”, assegura. Segundo o presidente do PT, o clima na legenda é de alegria. “Saímos de uma eleição com o PT reposicionado com a votação espetacular de Mineiro, elegemos dois vereadores. Agora temos que ter muita responsabilidade com essa posição do PT em Natal. Achamos que o PT passa a ser um interlocutor forte na cidade”, avalia. Carlos Araújo frisou que a decisão do PT será influenciada pelo debate eleitoral do primeiro turno e pelo que os petistas esperam do

> FICHA SUJA NA MIRA

DILMA Sobre a reunião de Dilma Rousseff com Michel Temer nesta segunda-feira, onde se reforçou a necessidade de alianças entre petistas e peemedebistas no país, o dirigente local do PT, Carlos Araújo, passou-se por desinformado, mas disse que a presidente não terá participação na decisão do PT local. “A presidente Dilma não ligou para mim. Na hora que ela ligar, eu vou dizer

para ela que os militantes de Natal é que vão tomar a posição do partido por Natal”, declarou. Ainda sobre a aliança com o PMDB, Carlos Araújo disse que tem o mesmo peso que a aliança do governo federal com o PDT. “O PDT também está no governo federal, veio até ministro para Natal pedir votos. Tanto o PDT como o PMDB são aliados. Isso não vai ser empecilho, nem vai favorecer o debate que o PT fará internamente. Com certeza, faria diferença se um deles não fosse da base aliada”, assegurou o dirigente petista.

CANDIDATOS COM RECURSO NO TSE

Justiça Eleitoral vai priorizar julgamentos de candidatos majoritários impugnados As eleições em primeiro turno terminaram, mas o trabalho do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) de julgamento de registros de candidaturas continua. Segundo a presidente da Instituição, a ministra Carmen Lúcia, ainda faltam 2.243 recursos para serem analisados, 18 deles referentes a disputas pela prefeituras no Rio Grande do Norte.

futuro prefeito. “O que esperamos que o futuro prefeito faça na cidade é o que vai pesar mais”, disse.

Entre essas cidades, estão, justamente, Robenilson Ferreira e Carlos Zamith, de Bento Fernandes e Barcelona, respectivamente. A situação deles ainda pode mudar e eles poderão vir a ter os votos validados. Claro que não são os únicos. A lista continua com nomes como o de Clemenceau Alves, do PMDB de Angicos; Antônio Estevam, de Triunfo Potiguar; Antônio

Braulio da Cunha, de Arês; Felipe Muller, de Caiçara do Rio do Vento. Todos esses são ex-prefeitos que estavam disputando o retorno a prefeitura de suas cidades. Todos também tiveram seus registros indeferidos, justamente, por condenações sofridas anteriormente, que os deixaram impossibilitados de disputar o pleito devido a Lei da Ficha Limpa.

Dos 2.243 recursos, 764 são dos chamados fichas-sujas, mas o tribunal ainda não sabe informar quantos desses concorrentes foram impedidos de participar da votação. Os que tiveram a candidatura indeferida pelos TREs (Tribunais Regionais Eleitorais), mas recorreram para derrubar a decisão no TSE, aparecem com a votação zerada na apuração.

Cidade . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .candidato indeferido SERRA DO MEL . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .Manoel Candido da Costa TRIUNFO POTIGUAR . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .Antonio Estevam ANGICOS . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .Clemenceau Alves ARÊS . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .Antonio Braulio da Cunha BARCELONA . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .Carlos Zamith BENTO FERNANDES . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .José Robenilson Ferreira CAIÇARA DO RIO DO VENTO . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .Felipe Muller CAMPO REDONDO . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .José Cortez Pereira GALINHOS . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .Joseneide Cunha GUAMARÉ . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .Mozaniel de Melo Rodrigues JAPI . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .Tarcísio Araújo LAGOA DE PEDRAS . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .Nizardo Marinho da Silveira MACAU . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .Wilson Roberto (Doutor Wilson) MONTE ALEGRE . . . . . . . . . .Severino Rodrigues e Maria das Graças Marques MOSSORÓ . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .Edinaldo Calixto SANTO ANTÔNIO . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .Aldo Henrique de Lima SÃO BENTO DO TRAIRÍ . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .Jailton Soares da Silva SÃO GONÇALO DO AMARANTE . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .Maria de Lourdes

Túlio Lemos POLÍTICA - TÚLIO LEMOS MAIORIA O ex-prefeito Carlos Eduardo teve tudo para ganhar a eleição no primeiro turno. Os percalços da précampanha e o crescimento dos adversários, provocaram uma nova disputa. Mas os números precisam ser avaliados. Afinal, quase 60% do eleitorado natalense que escolheu algum candidato, votou contra Carlos Eduardo. Se esse eleitor que não quis o ex-prefeito no primeiro turno, vai se manter distante do filho de Agnelo ou não, é outra história. E isso fará toda a diferença. SOMA A oposição a Carlos Eduardo abriu uma vantagem de quase 20% no primeiro turno. Porém, eleição não é soma automática. Afinal, antes de começar a campanha, Carlos Eduardo estava com 60% de intenção de votos e Wilma de Faria com 20%. Os dois formaram uma chapa e terminaram com a metade da soma.

tuliolemosjh@gmail.com / www.tuliolemos.com.br / twitter: @tuliolemosrn

ESCOLHA Para o segundo turno, resta saber o caminho da escolha de quem votou em Mineiro, Rogério e Robério. Nem sempre o eleitor vai acompanhar a orientação de seu candidato. A não ser aquele que é envolvido diretamente na campanha. O eleitor independente não vai se influenciar pela decisão daquele em quem ele votou no primeiro turno. São somente dois candidatos. Ele vai analisar e escolher. IMPOSIÇÃO O PT de Natal sabe que haverá influência de Brasília na posição que o partido tomará neste segundo turno. As preferências pessoais e as afinidades locais pode até contar, mas o interesse maior do PT vai definir o rumo na eleição daqui. O passado comprova isso. MOSSORÓ Em 2012, na campanha de Mos-

soró, o PT decidiu por candidatura própria. O PT nacional vislumbrou outros interesses e derrubou a candidatura própria, forçando o partido a se aliar com Larissa. Em 2002, o PT local não queria apoiar a candidatura de Wilma para o Governo. O nacional entrou em ação e Mineiro subiu no palanque de Wilma. PARTIDOS O PT ainda é o partido que mais se aproxima do que deveria ser um partido político, com regras internas e democracia. Mas se iguala aos demais quando os interesses da cúpula estão em jogo. No Brasil, não há presidente de partido, há proprietário de legenda. CAMPANHA A campanha do segundo turno começa do zero. O estilo de cada um vai determinar como a disputa vai se desenvolver. Carlos Eduardo, pelo fato de já ter sido

prefeito, deve manter o foco na experiência administrativa. Cabe a Hermano mostrar, com fatos e números, que a experiência não merece ser repetida.

e Júlio Protásio. Os suplentes estão de olho no TJ.

é a suplência de Justina Iva, que também ficou na suplência.

PRESENÇA A ex-governadora Wilma de Faria passou quase toda a campanha no interior. A desculpa para não participar da campanha em Natal foi aceita. Agora, resta saber se o marketing de Carlos Eduardo vai continuar escondendo a Guerreira ou vai dar destaque a candidata a vice que já foi prefeita e governadora.

FICHA Expectativa grande em relação ao voto do desembargador Vivaldo Pinheiro no processo de Carlos Eduardo. Ele pode manter a decisão de primeira instância e nada acontece à candidatura do ex-prefeito; mas pode discordar do voto de Geraldo Mota e ressuscitar os efeitos do decreto que rejeitou as contas do filho de Agnelo e provocar mudança no quadro sucessório em Natal.

DIVISÃO Em Ceará-Mirim, a divisão da oposição provocou a impensada reeleição do desgastado prefeito Antonio Peixoto. Em Extremoz, também houve divisão, favorecendo a reeleição do prefeito Klauss Rêgo. Em Macau, a oposição somou mais de três mil votos contra o candidato do prefeito Flávio Veras, mas perdeu por conta da divisão.

IMPACTO A decisão do Tribunal de Justiça a respeito dos condenados da Operação Impacto, poderá mudar a formação dos eleitos na Câmara de Natal. Afinal, há quatro vereadores reeleitos que podem ser prejudicados: Adão Eridan, Aquino Neto, Bispo Francisco de Assis

VOTOS O TSE não havia contabilizado a votação do ex-deputado Wober Jr. em sua tentativa de voltar a ser vereador em Natal. Mas há informação que ele obteve pouco mais de 2 mil votos. Dessa forma, mesmo que haja a contabilidade oficial, os números não mudam sua situação, que

SERVIÇO O candidato do PT em Macau, médico Wilson Roberto, ficha suja que surrupiou dinheiro do Ministério da Saúde por atendimento fantasma, manteve a candidatura nas ruas até o último dia, mesmo sabendo que estava impugnado. Prestou serviço aos interesses do prefeito Flávio Veras e enganou até os militantes do partido.


Política

Natal, 9 de outubro de 2012

4 O Jornal de HOJE

Walter Gomes DE BRASÍLIA - walgom@uol.com.br

As observações preliminares Só a partir da apuração dos votos do segundo turno – dia 28 –, convém fazer a contabilidade sobre vitoriosos e derrotados na eleição municipal. O levantamento desta edição é parcial. Faltam os números de 50 cidades com mais de 200 mil eleitores, incluídas quase duas dezenas de capitais. t

t

t

Por enquanto, sublinha-se: 1. O PMDB elegeu o maior número de prefeitos, embora em número inferior ao pleito de 2008; 2. Foi o PT, porém, que somou mais votos; 3. Chamou a atenção, a partir do Palácio do Planalto, a estreia nas urnas do PSD, nascido da dissidência do DEM (antigo PFL). Elegeu 493 prefeitos; 4. Além de manter o Executivo de Belo Horizonte, o PSB conquistou o do Recife, controlado há mais de uma década pelo petismo; 5. Importante o crescimento da participação das mulheres nas administrações municipais. Em relação aos dados da primeira fase do pleito de 2008, o aumento foi de 31,5%. Conforme a computação do Tribunal Superior Eleitoral, elegeram-se 663 contra 504 escolhidas há quatro anos; 6. Sumiu do mapa paulistano a liderança de Paulo Maluf. Nenhum candidato a vereador ligado ao ex-governador, ex-prefeito e agora deputado federal conseguiu eleger-se; 7. Uma polêmica entidade, detestada por muitos e cortejada por outro tanto, foi a maior derrotada nesse domingo: sua excelência a pesquisa. Erraram feio institutos regionais, mas desacreditado, de fato, ficou o Vox Populi. Foi um vexame. t

t

t

Terça-feira

Vereador eleito, Dagô afirma: “Crianças me deram vitória” DAGÔ DO FORRÓ CONSEGUIU SER ELEITO APÓS CINCO CAMPANHAS FRUSTRADAS A eleição deste ano reservou muitas surpresas, entre elas, a vitória da professora Amanda Gurgel para a Câmara Municipal de Natal com mais de 30 mil votos, permitindo assim, a ascensão dos candidatos Sandro Pimentel, do PSTU com 1.398 votos e Marcos do Psol com 717 votos. A não reeleição de vereadores como Enildo Alves e Ney Júnior, ambos do DEM, e Luis Carlos, do PMDB, também constituíram-se em surpresas no pleito municipal. Além de Amanda Gurgel, que realizou uma campanha praticamente sem recursos financeiros, quem também se elegeu em iguais condições foi o folclórico Dagô, que ficou famoso através do "Forró do Dagô" na Avenida 9, popularmente conhecido no bairro do Alecrim e com suas caminhadas pela cidade em cima de um carro e dirigindo-se à população através dos bordões "Me ajude, me ajude, me ajude" e "Vote no 25, 1, 2, 3, Dagô será eleito pela primeira vez". Candidato a deputado estadual pelo PAN em 2002, Dagô não se elegeu, mas também não desistiu. Em 2004 disputou uma vaga na Câmara Municipal de Natal, e também não teve sucesso. Repetiu em 2008 como candidato a vereador e

Divulgação

Eleito, Dagô foi ao cemitério de Nova Descoberta, onde seus pais estão enterrados: “Fui agradecer a eles e dizer que sou vereador” em 2010 disputando uma vaga na Assembleia Legislativa, mas a vitória só aconteceu na eleição deste ano, elegendo-se vereador em Natal pelo DEM com 5.380 votos. "Quem me deu essa vitória foram as crianças que me ouviam nas ruas e pediam o voto aos pais e aos avós. As crianças diziam, papai, mamãe, vovô, vote em Dagô", ressalta o novo vereador, destacando também,

a participação da sua família. VISITA AO CEMITÉRIO Um fato inusitado: a primeira visita feita por Dagô na manhã de ontem, após a vitória nas urnas, foi ao Cemitério de Nova Descoberta onde seus pais estão enterrados. "Fui agradecer a eles e dizer aos meus pais que sou vereador de Natal e que vou honrar o mandato

que recebi do povo de Natal", disse ele, acrescentando que o seu propósito a partir de agora será não só manter o "Forró do Dagô" no Alecrim como ampliá-lo para outros bairros da capital, segundo ele, levando alegria, principalmente para os idosos. Proprietário de taxi na capital, Dagô diz que vive dessa atividade, já que segundo ele, "o Forró do Dagô dá prejuízo".

Governador de Pernambuco e presidente nacional do PSB, Eduardo Campos, neto do lendário Miguel Arraes, entrou – e, provavelmente,

> OAB

para valer – no jogo político nacional. O assunto é uma das pautas

Procuradora Magna Letícia: “Vou desenvolver um trabalho sério como desembargadora”

do birô da coluna para o futuro imediato.

A volta esperada Uma mulher retorna ao poder em Boa Vista. Foi a única a eleger-se no primeiro turno das capitais. Deputada federal pelo PMDB de Roraima, extremo Norte da República Surrealista dos Trópicos, Teresa Surita (foto) derrotou Mecias de Jesus (PRB) por 10 pontos percentuais. Teresa segue caminhos desenhados por uma trajetória que teve, no início, a participação do senador Romero Jucá – o ex-marido e correligionário que chefiou o Executivo roraimense, foi ministro da Previdência Social entre março e julho de 2005 e líder do governo (Lula da Silva e Dilma Rousseff) na Câmara Alta. t

t

t

Pós-escrito: a senadora Vanessa Grazziotin (PCdoB) está no segundo turno para a prefeitura de Manaus. O concorrente é Arthur Virgílio (PSDB). Na fase eliminatória, o ex-líder tucano no Senado colocou 20 pontos de vantagem sobre a parlamentar comunista apoiada pelo PT e PMDB.

LEITURA DINÂMICA t

Joaquim Barbosa elegese, amanhã, presidente do Supremo Tribunal Federal. Posse em novembro. t Fique atento às amizades de seu filho. t Na reforma ministerial, o PSD será aquinhoado. Está descartada, entretanto, a nomeação do presidente nacional da sigla, Gilberto Kassab, ainda prefeito de São Paulo. t A propósito da eleição do último domingo deste outubro, a mantra da CNBB (Conferência Nacional dos Bispos do Brasil): “Voto não tem preço, tem consequência.” t Reinicia-se nesta terçafeira, no Supremo, o julgamento da Ação Penal 470 – o Mensalão, no popular. Pronunciam-se hoje sobre os réus do núcleo político os ministros José Dias Toffoli, Cármen Lúcia e Gilmar Mendes. Na ordem de votação, de acordo com o tempo disponível a partir de hoje, seguem-se Marco Aurélio Mello, Celso de Mello e o presidente da Corte, Carlos

Ayres Brito. t Ministra das Relações Institucionais (Articulação Política), a petista Ideli Salvatti perde mais um embate eleitoral em Santa Catarina. Caiu no primeiro turno de Florianópolis sua candidata à prefeitura: Angela Albino (PCdoB). t Em sequência ao processo de queda de juros, é possível que, na reunião desta quarta-feira, o Copom (Comitê de Política Monetária) derrube a taxa Selic para 7,25% ao ano. Hoje, situase nos 7,5%. t Três vezes prefeito carioca, o ex-deputado Cesar Maia (DEM) elegeu-se vereador no Rio de Janeiro. Zeca do PT ganhou cadeira na Câmara de Campo Grande, capital de Mato Grosso do Sul, estado que governou. A ex-senadora Heloísa Helena (PSOL-AL) renovou a vereança em Maceió. t Para refletir: “A arte é uma mentira que nos permite atingir a verdade” (Pablo Picasso, artista plástico espanhol).

Integrante do quadro de procuradores do Estado do Rio Grande do Norte e atualmente exercendo a função de ProcuradoraGeral Adjunta, a advogada Magna Letícia Lopes é uma das concorrentes ao cargo de desembargadora representando a categoria através do Quinto Constitucional. Segundo a procuradora, esse não é um projeto pessoal, mas uma forma de contribuir com seu Estado através da advocacia. "Acredito que utilizando a experiência adquirida nos meus 26 anos de advogada militante na iniciativa privada e há 18 anos na procuradoria, onde adquiri uma visão ampla dos problemas, poderei compor o Tribunal de Justiça e desenvolver um trabalho sério e competente na condição de desembargadora", ressaltou. A eleição do Quinto Constitucional será realizada no dia 22 de outubro no Centro de Convenções das 9 às 17 horas e no interior do Estado nas subseções da OAB Ordem dos Advogados do Brasil. Inicialmente, 20 advogados inscritos e que cujas inscrições foram

Divulgação

Magna Letícia Lopes é natural de São Rafael e iniciou sua formação na UFRN deferidas, votarão para escolher uma lista sêxtupla entre os mais votados. Em seguida, a lista será encaminhada para o Tribunal de

Justiça e uma outra lista tríplice que será encaminhada para indicação de um nome que será o futuro desembargador do Rio Grande

do Norte ocupando a vaga deixada por Caio Alencar, aposentado recentemente. PERFIL A procuradora Magna Letícia é natural de São Rafael e iniciou sua formação acadêmica na Universidade Federal do Rio Grande do Norte. Foi advogada militante e assessora jurídica do Estado de 1991 a 1994. Em 1993 foi aprovada no Concurso Público de Provas e Títulos para o cargo de procuradora do Estado. Em 2001 foi eleita à unanimidade do Conselho Superior da PGE/RN como Corregedora-Geral para o biênio 2001;2003, integrando posteriormente a Câmara de Ética e Disciplina da instituição. Ao longo de 18 de carreira como procuradora do Estado, manteve a atuação na advocacia privada nas áreas cível, trabalhista, previdenciária, eleitoral e empresarial, contabilizando extensa lista de feitos ajuizados, em especial, nas Justiças do Trabalho e Federal, acumulando assim, diversificada experiência como advogada.

Quinto Constitucional: OAB/RN realiza audiência pública com os candidatos A Ordem dos Advogados do Brasil - Seccional Rio Grande do Norte realizará audiência pública nesta quarta-feira (10/10), a partir das 9h, na sede da Seccional Potiguar, a fim de sabatinar os candidatos a desembargador do

Tribunal de Justiça pela vaga da OAB. O objetivo é evidenciar o notório saber jurídico do candidato, além do seu conhecimento acerca do papel do advogado como ocupante da vaga do Quinto Constitucional.

CANDIDATOS A DESEMBARGADOR 01 - Magna Letícia de Azevedo Lopes Câmara 02 - Luis Marcelo Cavalcanti de Sousa 03 - Waldenir Xavier de Oliveira 04 - Gladstone Heronildes da Silva 05 - Francisco Valadares Filho 06 - Artemio Jorge de Araújo Azevedo 07 - Jesulei Dias da Cunha Junior 08 - Carlos Servulo de Moura Leite 09 - Priscila Coelho da Fonseca 10 - Idálio Campos 11 - Felipe Augusto Cortez Meira de Medeiros 12 - José Luiz Carlos de Lima 13 - José Augusto de Oliveira Amorim 14 - Nivaldo Brum Vilar Saldanha 15 - Marisa Rodrigues de Almeida Diogenes 16 - Daniel Alves Pessoa 17 - Glauber Antônio Nunes Rêgo 18 - Olavo Hamilton Ayres Freire de Andrade 19 - Marcos Antonio da Silveira Martins Duarte 20 - Verlano de Queiroz Medeiros


Política

Terça-feira

O Jornal de HOJE 5

Natal, 9 de outubro de 2012

Mineiro foi candidato mais perto de Carlos Eduardo na disputa nas zonas eleitorais CANDIDATO

DO

PT

Ex-prefeito e candidato do PDT em Natal, Carlos Eduardo Alves, justificou a liderança nas urnas no dia 7 de outubro com um desempenho positivo em todas as regiões de Natal. Afinal, foi o primeiro em todas as cinco zonas da cidade e mais: com uma boa vantagem em quase todas elas. A exceção foi na 3ª zona eleitoral, onde o ex-prefeito conseguiu 31,4% dos votos e o adversário petista Fernando Mineiro, que acabou nem passando para o segundo turno, obteve 28,12%. A 3ª zona eleitoral se encontra justamente na zona Sul de Natal, onde Carlos Eduardo Alves teve a menor porcentagem de votos. Por outro lado, foi a que Mineiro teve o seu maior percentual. Também

FICOU À FRENTE DE foi uma das três zonas eleitorais que Mineiro ficou à frente de Hermano Morais, do PMDB. O candidato que passou para o segundo turno para disputar com o ex-prefeito a Prefeitura de Natal foi melhor só na 1ª e 2ª zonas, localizadas nas regiões Leste e Centro de Natal. O que acabou fazendo que o petista perdesse para o peemedebista, porém, foi justamente as porcentagens conseguidas nas zonas que ficou a frente e onde ficou atrás. Na 69ª zona eleitoral, na zona Norte, por exemplo, Mineiro superou Hermano, mas teve 20,6%, contra 19,94% do adversário apoiado pelo ministro da Previdência Social, Garibaldi Alves Filho. Na 4ª zona, a vantagem foi

HERMANO

EM TRÊS ZONAS E A MENOS DE TRÊS PONTOS DO EX-PREFEITO

de 24,06%, contra 23,12%. Na 3ª, foi a maior vantagem do petista. Os 28,12%, contra 25.26%. Nas zonas que Hermano levou vantagem, porém, a diferença foi maior, o que acabou por justificar o segundo turno. Na 1ª, o peemedebista ficou a frente com 23,33%, contra 18,95% de Mineiro. Na 2ª zona, foi 25.28%, contra 21,67%. Carlos Eduardo, por sua vez, construiu sua liderança, principalmente, na votação que conseguiu na zona Norte, a maior zona eleitoral de Natal. Foram 46,49% dos votos, ou seja, mais de 51 mil votos. Mineiro, o segundo, teve menos da metade, apenas 22,6 mil. O ex-prefeito também foi bem votado na zona leste e centro, com 45% e 39,74%, respectivamente.

Márlio Forte

Mineiro conseguiu seu maior percentual (28,12%) na 3ª zona eleitoral, enquanto Carlos Eduardo teve o seu menor: 31,4%

Pesquisas erraram nos votos de Mineiro e também na vantagem de candidatos sobre Carlos Eduardo Alves As pesquisas eleitorais divulgadas na última semana antes da eleição em Natal não foram "para todos os gostos", como alguns apontavam que seria. Confirmado o segundo turno, é possível confirmar que nenhum dos levantamentos acertou, nem de longe. Afinal, o único que apontou segundo turno, previa uma vantagem de apenas 3 pontos percentuais para os demais candidatos sobre Carlos Eduardo Alves, do PDT, líder das pesquisas. A vantagem deles nas urnas, porém, foi de quase 20 pontos percentuais. Mais precisamente 19,16% para os candidatos adversários de Carlos. Uma vantagem que se traduziu em 72.744 votos contrários ao ex-prefeito. O destaque de diferença foi Fernando Mineiro, do PT, que não apareceu em nenhuma pesquisa ao longo de toda a campanha com mais de 20%, conseguiu 22% no domingo. A melhor foi a do Ibope, a última a ser divulgada, onde o petista conseguiu apenas 15% dos votos. Mineiro não passou para o segundo turno, perdeu por 0,38% (1465 votos) para Hermano Mo-

Márlio Forte

Márlio Forte

A menor porcentagem dada a Carlos Eduardo foi de 48%. Nas urnas, teve 40%

Hermano Morais teve número semelhantes aos reais na do Ibope, Certus e Consult

rais, do PMDB, mas sua votação confirmou o que ele mesmo já dizia: "que as pesquisas não estavam representando a verdade". E nas que ficaram distantes da realidade, destaque para a da Vox Populi, encerrada no dia 3 de outubro. A Vox Populi dava 14 pontos percentuais de vantagem para Carlos Eduardo Alves sobre a soma

do real nessa pesquisa. Apareceu com apenas 10%. Hermano, 12%. Rogério Marinho, que se confirmou como o quarto lugar na pesquisa, até que ficou parecido: teve 9% na Vox Populi de votos totais e 10,16% nas urnas de votos válidos. Vale ressaltar que apesar da Vox Populi ter se destacado pela distância que ficou do número

dos adversários e previa que o exprefeito teria uma vantagem, traduzida em votos, de 80 mil. A situação foi justamente o inverso. O pedetista, inclusive, teria alcançado a marca dos 48% dos votos totais, mas nas urnas, quatro dias depois, ficou com 40% de votos válidos. Mineiro, por sinal, foi outro também considerado bem abaixo

real, Ibope, Certus e Consult também erraram em pesquisas divulgadas na última semana antes da eleição. No Ibope, por exemplo, que divulgou a pesquisa na sextafeira, dois dias antes do pleito, apenas o número de Hermano Morais ficou dentro da margem de erro. Carlos Eduardo, por exemplo, apareceu com 51,1% dos votos válidos, quase 11 pontos percentuais a mais. Mineiro, com apenas 15% segundo o Instituto, teve 7 pontos percentuais a menos que o que obteve nas urnas. Por sinal, essa foi uma tendência em todas as pesquisas: pontos a mais para Carlos Eduardo, pontos de menos para Mineiro.

VOTOS Candidatos Urnas Carlos Eduardo 40,42% Hermano Morais 23,01% Fernando Mineiro 22,63% Rogério Marinho 10,16% Professor Robério 3,57% Roberto Lopes 0,21% *Previsão de votos válidos

Ibope* 51% 20,9% 15% 8% 1 3,4% 1%

Vox Populi* 59% 14,8% 12% 1% 2,4% --

Certus* 48% 23% 15,8% 10% 2,4% 0,2%

Consult* 52% 23,7% 10,6% 10,5% 2,3% 0,19%

> ELEIÇÕES 2012

Cidade sem vencedor e votos de “Fichas Sujas” anulados Fotos: Divulgação

CIRO MARQUES REPÓRTER DE POLÍTICA

A abertura das urnas nas eleições municipais deste ano provocou surpresas para muitos eleitores. E boa parte delas provocadas pela Lei da Ficha Limpa. Afinal, foi por causa dela que houve mudanças de última hora, anulação dos votos de candidatos e, consequentemente, um prefeito eleito com apenas votos. Sem falar, claro, no polêmico caso de Monte Alegre, onde as duas candidaturas, com registro indeferido, tiveram os votos que receberam anulados e a eleição, dessa forma, ficou sem vencedor. Severino da Irmã Dulce (PMDB) e Graça Marques (PSD) eram os únicos nomes em disputa na cidade, contudo, nenhum dos dois teve seu registro de candidatura deferido pela Justiça Eleitoral. O resultado disso foi a anulação de todos os votos dados a eles, ou seja, 98,24% anulados. Segundo o Tribunal Regional Eleitoral, 2.427 eleitores não compareceram as urnas na cidade, 248 votos foram brancos. A eleição segue indeferida até um dos dois conseguir reverter no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) o indeferimento do registro ou o TRE organizar uma nova eleição. Por sinal, foi justamente isso que quase aconteceu em Galinhos, se não fosse o candidato Aluísio Oliveira. As adversárias, Eliete Pindô (DEM) e Neidinha (PSD), indeferidas, tiveram todos os votos que receberam anulados, e Aluisio, com apenas 100 votos, menos que oito, dos nove vereadores eleitos na cidade, acabou vencendo o pleito. Contudo, não foi por muito tempo. Na segunda-feira, a Justiça Eleitoral

Aluisio Oliveira foi eleito com 100 votos, mas Justiça resolveu deferir registro de adversária e ele perdeu

Severino da Irmã Dulce, do PMDB, foi o candidato de oposição e mais votado em Monte Alegre

Com registro indeferido, Robenilson Ferreira teve os votos anulados pela Justiça

O mesmo aconteceu ao atual prefeito da cidade de Barcelona, Carlos Zamith

decidiu liberar os votos da adversária Eliete Pindô, do DEM, ela foi a mais votada (pelo menos até agora), com 845 votos, ou seja, 89,42% do total. Vale ressaltar, por sinal, que é isso que

tos indeferidos facilitaram a vitória de outros candidatos neste ano. O atual prefeito de Bento Fernandes, Ivanaldo, do PP, é um exemplo. Ele venceu o ex-prefeito Robenilson

ainda pode acontecer em muitas cidades onde, aparentemente, as eleições estão definidas. Contudo, enquanto isso não acontece, os registros de candida-

Ferreira, indeferido pela Ficha Limpa por ter condenações no Tribunal de Contas do Estado (TCE). O mesmo aconteceu com Doutor Raroldo, do PR, em Barcelona, que

venceu o prefeito Zamith, também indeferido pela Justiça Eleitoral. Para evitar, justamente, que tivessem o mesmo resultado que Robenilson e Carlos Zamith nas urnas, alguns candidatos, por não conseguir o registro na Justiça Eleitoral, participaram de toda a campanha, mas na reta final foram substituídos por outros nomes, sem pendências judiciais. Foi isso que, por exemplo, aconteceu em Canguaretama, quando Fátima Marinho (PSD) venceu ao conseguir todos os votos do "ficha suja" Jurandyr Marinho. O ex-prefeito, pai da deputada estadual Gesane Marinho e do vereador eleito em Natal, Bertone Marinho, teve condenações no Tribunal de Contas do Estado (TCE) e não conseguiu reverter o indeferimento do registro nas primeiras instâncias da Justiça Eleitoral. Por isso, fez a campanha, conseguiu os votos e, no final, colocou a mulher, Fátima, para legitimá-los.


6 O Jornal de HOJE

Natal, 9 de outubro de 2012

Cidade

Terça-feira

Pacientes e funcionários estão apreensivos com a indefinição do futuro da UPA e dos AMEs CONTRATO COM A MARCA SERÁ ENCERRADO NO DIA 19, MAS PREFEITURA PEDIRÁ À JUSTIÇA QUE PROLONGUE INTERDIÇÃO Fotos: José Aldenir

ROBERTO CAMPELLO ROBERTO_CAMPELLO1@YAHOO.COM.BR

A dez dias do fim do contrato entre a Prefeitura do Natal e a Associação Marca - empresa que administra os três Ambulatórios Médico Especializado (AMEs) de Brasília Teimosa, Nova Natal e Planalto - e a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do Pajuçara, a situação é de indefinição. O contrato será encerrado no próximo dia 19 de outubro e a Justiça já determinou que o Município assuma a gestão da UPA e dos AMEs, que hoje estão sob intervenção judicial. No entanto, a Prefeitura de Natal pedirá à Justiça que prolongue o prazo de interdição da A Marca até o final do ano, para que a próxima gestão assuma a responsabilidade das unidades de saúde. Enquanto isso, população e funcionários seguem apreensivos diante da incerteza de continuidade na prestação de serviço. O procurador Geral do Município, Francisco Wilkie Rebouças, explicou que a Prefeitura de Natal entrou nesta segunda-feira (8), com um pedido de recurso da decisão do juiz Airton Pinheiro, da 5ª Vara da Fazenda Pública, solicitando a permanência da intervenção judicial da Associação Marca até o final desta gestão. O juiz determinou que o Município assuma a gestão dos três AMEs e da UPA do Pajuçara ou contrate nova Organização Social (OS). O interventor Marcondes Diógenes permanece na condição de administrador da entidade até o dia 19 de outubro. "Acreditamos que o prazo dado pelo juiz de 60 dias para a contratação de nova empresa ou de assumir a gestão é muito curto. Queremos pedir que a interdição judicial nessas unidades de saúde perdure até o final do mandato, deixando para o próximo prefeito a escolha: se a administração volta para o Município ou se contratará uma nova terceirizada. Em último caso, vamos estender o prazo para contratar uma

A incerteza da continuidade do serviço preocupa pacientes como a vendedora Gilda da Hora que sempre utiliza os serviços do AME para ela e para os filhos nova OS", afirmou o procurador. Wilkie Rebouças destacou o excelente trabalho que o interventor está fazendo a frente da Associação Marca. "É uma intervenção bem sucedida, que tem resultado em uma economia de 50% nas despesas da UPA e dos AMEs", afirmou. No AME de Brasília Teimosa, zona Leste de Natal, o clima é de insegurança e apreensão quanto à falta de informação a respeito do futuro do serviço prestado a população. De acordo com Micaela Pires, gerente de enfermagem do AME de Brasília Teimosa, os funcionários e a população estão bastante apreensivos. "O fim do contrato está próximo e não sabemos o que será do AME de Brasília Teimosa e dos outros também. Não houve nenhuma conversa nem com o interventor, nem com a Secretaria Municipal de Saúde (SMS) e estamos na mesma situação que todos. Sem saber o que será do nosso futuro", afirmou a gerente.

Micaela ressaltou que o desejo dos funcionários e da população é que "alguém assuma a responsabilidade para que o paciente, que será o mais atingido com o fim do serviço, não seja mais prejudicado ainda". Mesmo com toda a indefinição, a gerente de enfermagem garantiu que até o dia 19, "o serviço vai ser oferecido com a mesma qualidade". No AME de Brasília Teimosa são 70 funcionários da Associação Marca. Hoje, técnicos da Secretaria Municipal de Saúde visitaram as instalações do AME de Brasília Teimosa, mas não souberam informar nada a respeito do futuro do serviço. A vendedora Gilda da Hora Silva, de 38 anos, mora no bairro das Rocas e conta que sempre utiliza os serviços do AME, tanto para ela, quanto para seus filhos. Ela disse que já sabia da possibilidade de fechamento da unidade de saúde e lamentou a falta de compromisso dos

políticos com a saúde pública de Natal. "Sempre que preciso venho aqui e sou atendida. Venho pra cá, pois aqui tenho a certeza do atendimento. Se isso aqui fechar, a situação fica muito complicada. Espero que não fechem e que alguém faça alguma coisa para evitar que um serviço tão importante para a população acabe", desabafou a usuária. Alrenice Alves trabalha na Farmácia do AME desde a inauguração, há aproximadamente dois anos, e também se mostrou apreensiva quanto a indefinição da prestação do serviço. "Perder o emprego não é bom, mas o maior prejuízo será para a população que ficará desassistida, pois os AMEs são os únicos serviços que funcionam na rede básica do Município. Os médicos daqui são os melhores, profissionais de alta qualidade. Tem pessoas que vem para cá que tem planos de saúde, pois apesar de não ter urgência e emergência, as pessoas têm a certeza de atendi-

mento. É um projeto que vale a pena continuar", destacou a funcionária. BLOQUEIO DE CONTAS O juiz da 5ª Vara da Fazenda Pública de Natal, Airton Pinheiro, determinou um novo bloqueio de recursos do município de Natal para garantir os serviços da Unidade de Pronto Atendimento e dos Ambulatórios Médicos Especializados de Natal. A última decisão, proferida na última sexta-feira (5), ordenou a expedição de alvarás para repasses de R$ 1.961.681,33 da conta única da Prefeitura para a Associação Marca, gerenciadora das unidades hospitalares, atualmente sob intervenção judicial. O Ministério Público, autor dos sucessivos pedidos junto ao Poder Judiciário, argumentou que o Município até agora não repassou nenhum dos valores referentes ao mês de outubro, o que pode resultar na paralisação completa das ativida-

des. "Sem os pagamentos mensais dos contratos firmados, os funcionários, prestadores de serviços e fornecedores deixarão de executar as atividades", alertou o promotor substituto que assinou a última peça do MP, José Roberto Torres. Ele frisou que a situação é, no mínimo, preocupante. Ainda mais quando o próprio interventor da Marca, Marcondes Diógenes, em contato pessoal com a Secretaria Municipal de Saúde (SMS), foi informado de que não existe qualquer posição do Município para os repasses em atraso, inclusive os mais urgentes. O interventor Marcondes Diógenes foi orientado pelo Ministério Público a elaborar um cronograma de pagamentos dos serviços essenciais ao longo do prazo da intervenção judicial, ou seja, até 19 de outubro. De acordo com esse cronograma, R$ 772.300,00 deveriam ter sido repassados em 1º de outubro; outros R$ 397.950,00 se venceram no dia 5 do mesmo mês; e para finalizar, R$ 791.431,33 são as despesas programadas para 10 de outubro, que também aguardam liquidação. Diante dessa situação, o juiz deferiu o bloqueio do valor total requerido pelo MP, ou seja, R$ 1.961.681,33. Em pouco mais de um mês, portanto, foram necessárias quatro interferências judiciais para que o Município cumpra com as obrigações financeiras da UPA de Pajuçara e dos AMEs de Brasília Teimosa, Planalto e Nova Natal. "A ocorrência de atraso e insuficiência nos repasses pelo executado é um fato que se verifica até pelos diversos bloqueios já efetivados neste processo, impondo-se para a continuidade dos serviços prestados sob intervenção judicial na Associação Marca a utilização do mecanismo para garantia do resultado equivalente. Observa-se que os valores ora pleiteados correspondem inclusive ao orçamento antes já previsto para o mês de outubro de 2012", destacou o juiz Airton Pinheiro.

> MOBILIZAÇÃO NACIONAL

Médicos suspendem atendimento nos planos de saúde Os médicos do Rio Grande do Norte participam nesta quarta-feira (10) de uma mobilização nacional contra as empresas de plano e seguros de saúde. Como protesto contra os abusos cometidos pelos planos de saúde, os médicos realizarão uma mobilização na Praça Sete de Setembro, em frente à Assembleia Legislativa e todo o atendimento médico, como consulta, realização de exames e cirurgias eletivas, serão suspensas durante todo o dia de amanhã. Serão garantidos apenas os atendimentos de urgência e emergência. À noite, os médicos participarão de uma assembleia para decidir se a paralisação continuará. No Brasil, as mobilizações se estendem até o dia 25 de outubro. "Os pacientes não serão prejudicados com a mobilização dos médicos. Os pacientes já estão sendo previamente avisados da suspensão dos atendimentos. As consultas e procedimentos agendados estão sendo devidamente remarcados pelo serviço de remarcação das unidades e não haverá paralisação nos atendimentos de

casos de emergência", afirmou Geraldo Ferreira, presidente da Federação Nacional dos Médicos (Fenam) e do Sindicato dos Médicos do Rio Grande do Norte (Sinmed/RN). De acordo com Geraldo Ferreira, com a paralisação desta quarta-feira, devem ser comprometidas 150 cirurgias e a realização de aproximadamente duas mil consultas. O ato público de amanhã visa chamar a atenção da população a respeito dos abusos impostos pelas operadoras de saúde. "As negociações estão atravancadas por todos os planos de saúde, por isso que acreditamos que haverá a adesão de todos os profissionais. Queremos despertar a atenção da população para a real situação dos planos de saúde, que vai desde a remuneração até a garantia dos direitos dos pacientes. Defendemos os interesses dos médicos, mas também a capacidade de prestar um bom serviço à população", destacou o presidente. Ainda na quarta-feira será realizada uma assembleia com as entidades médicas do RN na sede da Asso-

Wellington Rocha

Segundo Geraldo, 150 cirurgias e 2 mil consultas devem ser comprometidas ciação Médica Brasileira (AMB-RN), às 19h. Com base em decisões tomadas nas assembleias de cada estado, a categoria poderá voltar a suspender, por tempo determinado, consultas e outros procedimentos eletivos por meio de guias dos convênios, sem

cobrança de valores adicionais. "Nesse momento os médicos definirão se irão suspender, por tempo determinado, consultas e outros procedimentos eletivos por meio de guias dos convênios, sem cobrança de valores adicionais, que serão definidos

com alvo pelas assembleia, ou se novas estratégias serão traçadas. Nesse período, vamos propor o encaminhamento das negociações via Ministério do Trabalho. Além disso, vamos convocar diversas reuniões com os planos e com o Ministério do Trabalho", afirmou Geraldo Ferreira, presidente do Sinmed. "O sistema suplementar de saúde passa por crises e nós devemos buscar juntos as melhores soluções, especialmente as que contemplam melhorias e crescimento sustentável". Geraldo Ferreira explica que, além de reajuste nos honorários, os médicos pedem o fim da interferência antiética das operadoras na relação médico-paciente. Também reivindicam a inserção, nos contratos, de índices e periodicidade de reajustes, por meio da negociação coletiva pelas entidades médicas, além da fixação de outros critérios de contratualização. Nos últimos 12 anos, os reajustes dos planos somaram 150%, ou seja, 30 pontos percentuais acima da inflação acumulada no período que foi

de 120%. No mesmo período, os honorários médicos não atingiram reajustes de 50%. Da receita de R$ 82,4 bilhões, de acordo com a Agência Nacional de Saúde (ANS), foram aplicados na assistência médica R$ 67,9 bilhões, o que sugere um margem de lucro abusiva. O presidente da Fenam criticou a falta de autonomia do trabalho dos médicos nos planos de saúde. Segundo Geraldo, as limitações para conseguir autorizar exames ou transferências para UTIs atrapalham os trabalhos dos médicos, que não têm liberdade para avaliar e realizar as atividades. Outro ponto de reivindicação é a relação contratual, dos médicos, clientes e operadoras de saúde. "Isso é o que mais prejudica o tratamento com o cliente. Muitas vezes, os pacientes precisam de medicamentos específicos ou da realização de alguma cirurgia ou aplicação de algum material mais caro e são impedidos porque o contrato não dá direito. Isso é um absurdo e lutamos para mudar essa realidade", destacou Geraldo Ferreira.

> RUMOS DA GREVE

Servidores municipais aguardam audiência com Prefeitura Em mais uma tentativa de definir os próximos passos dos servidores municipais que tiveram a greve suspensa há um mês, a categoria realizou, na manhã de hoje, mais uma assembleia geral, na sede do Sindicato dos Servidores Municipais de Natal (Sinsenat). Desde a suspensão da greve, ainda não foi realizada uma audiência com representantes da Prefeitura do Natal, uma vez que a última que havia sido agendada foi cancelada. Uma nova audiência ficou marcada para o próximo dia 16. O movimento formado por agentes da Guarda Municipal, plantonistas da Saúde e técnicos de En-

fermagem, agentes patrimoniais e servidores das secretarias de Serviços Urbanos (Semsur), Obras Públicas e Infraestrutura (Semopi), Mobilidade Urbana (Semob), Meio Ambiente e Urbanismo (Semurb) e de Trabalho e Assistência Social (Semtas) deflagrou greve no dia dois de agosto. Entre as principais reivindicações das categorias estavam a melhoria das condições de trabalho, a revogação da redução de cerca de 80% do adicional noturno dos servidores, a paridade salarial e o auxílio-alimentação dos guardas municipais de Natal. A paralisação durou um mês e quinze dias e foi suspensa no último

dia 14 de setembro por decisão judicial. A suspensão foi temporária e a categoria acatou, até a presente data, na esperança de que durante este período, a Prefeitura de Natal e o sindicato chegassem a um acordo. No entanto, um mês após o retorno dos servidores ao trabalho, a Prefeitura ainda não apresentou nenhuma proposta de acordo e ainda tomou medidas de retaliação aos grevistas, reduzindo o salário dos servidores da Semtas, com o desconto pelos dias não trabalhados. A medida não tem amparo legal, pois a Justiça não decretou a ilegalidade da greve. Desde que a greve foi suspensa, a direção do Sinsenat busca

uma nova audiência para negociar as reivindicações da categoria, mas até agora, não houve resultado e os servidores ainda aguardam o pronunciamento da Justiça sobre suas reivindicações. De acordo com o presidente interino do Sinsenat, José Roberto Linhares, a Prefeitura não está aberta à negociação e, por isso, é importante que a Justiça se pronuncie o quanto antes. "Após o retorno dos servidores ao trabalho e apesar do corte de ponto na Semtas, marcamos uma audiência com a Prefeitura para conciliação. No entanto, duas horas antes da reunião, recebemos uma ligação do Gabinete Civil dizendo

que iria remarcar posteriormente a audiência, mas até agora, nada. Não há por parte da Prefeitura o desejo de dialogar com o trabalhador. Também não há um compromisso com a palavra, pois após o corte dos pontos dos servidores, a Prefeitura garantiu que iria devolver os valores debitados, mas até hoje, estão prendendo o dinheiro que é direito dos servidores. Se a Justiça não tomar alguma providência, a situação pode piorar para a categoria, e conseqüentemente para a população", disse José Roberto Linhares. Na assembléia de hoje, os servidores analisaram os últimos acontecimentos ocorridos com o retor-

no da categoria ao trabalho e concluíram que houve perseguição por parte da Prefeitura aos servidores. Em virtude disso, a categoria afirma que permanecerá tentando uma audiência judicial de conciliação para evitar que a Prefeitura cometa novas irregularidades com os servidores. O Sinsenat, conseguiu ao término da assembleia de hoje, marcar para o próximo dia 16, uma reunião junto ao Gabinete Civil da prefeitura para estudar um pré-acordo a ser apresentado na audiência. Caso não obtenha resultados, os novos passos serão definidos em nova assembleia geral no Sinsenat no dia 18 de outubro.


Cidade

Terça-feira

Natal, 9 de outubro de 2012

O Jornal de HOJE 7

Cientistas potiguares identificam grupo de neurônios capazes de controlar a memória DESCOBERTA FOI FEITA POR CIENTISTAS DO INSTITUTO DO CÉREBRO/UFRN EM PARCERIA COM PESQUISADORES SUECOS Um estudo realizado por cientistas potiguares do Instituto do Cérebro da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (ICe-UFRN), em parceria com pesquisadores suecos, identificou a existência de um grupo de neurônios que controla a entrada e saída de memórias do cérebro. A maneira pela qual a oscilação de atividades do cérebro alterna, entre o modo de processamento de estímulos sensoriais e o do resgate de memórias, por exemplo, permanecia desconhecido por muito tempo. Com a descoberta, a pesquisa dá subsídios para que doenças como o Alzheimer possam ter um tratamento. Segundo o neurocientista Richardson Leão, pesquisador da UFRN e um dos autores do estudo, as células OLM, mais conhecidas como "células porteiras", ajudam a explicar como ocorre o fluxo de informações no hipocampo, área do cérebro que regula os processos de memória e de aprendizagem. Para conseguir identificar as células OLM, o grupo de pesquisadores suecos gerou um camundongo transgênico cujos neurônios brilham quando são iluminados por luz verde. Os cientistas brasileiros, comandados por Leão, injetaram nesse animal um vírus geneticamente modi-

ficado, deixando as células OLM sensíveis à luz. Dessa forma, ao utilizar fibras óticas, os cientistas foram capazes de ativar e inativar essas células. "A pesquisa avança no caminho para, no futuro, ser possível ativar memórias de forma artificial ou limitar a absorção de informações pelo hipocampo", disse Richardson Leão. Na pesquisa, os cientistas mostraram que as células porteiras modulam a entrada e a saída de informações nas vias do hipocampo. "Quando ativadas, essas células priorizam os sinais provenientes do próprio hipocampo, resgatando memórias armazenadas", afirma o neurocientista. Os pesquisadores também conseguiram demonstrar que o contrário ocorre quando essas células estão inativas. Ao serem ativadas, elas priorizam os sinais provenientes do próprio hipocampo em vez de estímulos sensoriais, atuando para lembrarse de alguma informação armazenada na memória. Quando desativadas, elas ajudam a absorver estímulos sensoriais, como um cheiro ou uma imagem, e os transforma em memória. A dificuldade em fazer pesquisa no cérebro é que há muitas célu-

Herácles Dantas

Segundo Richardson Leão,o controle das células pode ser um serviço de terapia para doenças de memória, como o Alzheimer las diferentes que formam grupos capazes de exercer funções diferentes. "Por isso nós precisamos descobrir um jeito para identificar e observar um único grupo, e assim poder fazer experimentos", afirma o pesquisador da Universidade Federal.

O processo de estudo foi iniciado há cerca de dois anos, onde foi retirado o cérebro do camundongo em atividade e colocado para análise in vitro. "Usamos uma tecnologia na qual se aplica um feixe de luz para estimular os neurônios se-

lecionados. Separamos o efeito de um grupo celular, sem interferir no restante do circuito. Por isso achamos que o controle das células pode ser um serviço de terapia para doenças de memória, como o Alzheimer", afirma Richardson.

No caso de pessoas com o Mal de Alzheimer, doença que afeta a capacidade de armazenar memórias, a descoberta da pesquisa pode permitir a formulação de tratamentos a partir da atuação desses neurônios. Outras doenças ligadas ao déficit de memória, como Esquizofrenia e Epilepsia, por exemplo, também podem estar no caminho para a descoberta de tratamento. NICOTINA ATIVA AS CÉLULAS DE MEMÓRIA De acordo com o estudo, os neurônios descobertos carregam um receptor sensível à nicotina. A substância é capaz de ativar as células de memória e influenciar o processo cognitivo. Um dos próximos passos consequentes da pesquisa será descobrir um possível medicamento com a fórmula parecida com a da nicotina que permita ativar o grupo de neurônios, sem ter o mesmo efeito terceiro da substância. A pesquisa agora segue para tentar identificar quais tipos de memória e aprendizados podem ser selecionados pela ativação dessas células. Isso pode levar a um tipo de ativação por meios artificiais desses neurônios, por exemplo, por uma substância baseada na nicotina.

Herácles Dantas

> FESTA DO BOI

Maior evento da agropecuária do Nordeste será iniciado amanhã

Estimativa é de que negócios a serem fechados durante evento alcancem R$ 100 milhões

Sem a presença do ministro Mendes Ribeiro, da Agricultura, impossibilitado por problema de saúde, tudo está pronto para a abertura oficial da 50ª edição da Festa do Boi, que acontece às 19 horas desta quinta-feira. Um dos eventos mais importantes da pecuária no Nordeste, os animais para exposição e leilões começaram a chegar ontem às instalações do Parque Aristófanes Fernandes, em Parnamirim, vindos de todos os estados nordestinos considerados livres com vacinação da febre aftosa. A boa novidade, anunciada pessoalmente pelo próprio ministro da Agricultura quando esteve em Natal em fins de setembro, é que os exemplares que participarão da Festa do Boi estão isentos

> FEIRA DA PECHINCHA

Casa Durval Paiva realiza bazar para arrecadar fundos para reforma Buscando arrecadar fundos para moxarifado, refeitório, salas de ateninvestir na reforma da instituição, a dimento, banheiros e, ainda, uma Casa de Apoio à Criança com Cân- ala exclusiva para os pacientes transcer Durval Paiva realiza hoje a Feira plantados. da Pechincha, que comercializa rouDe acordo com Sueli Câmara, pas, calçados, acessórios e objetos uma das fundadoras e diretora da seminovos, para todas as idades, por Casa Durval Paiva, a instituição é um um preço acessível à população. porto seguro para os que enfrentam Todos os meses a Casa Durval essa luta. "Aqui nós priorizamos a Paiva realiza bazares para ajudar na qualidade de vida para os pacientes manutenção da casa, mas a frequên- e suas famílias, pois essa doença cia de realização dos mesmos tem diminuído nos últimos “Para mim, é muito gratificante poder meses por conta da me doar para uma causa tão nobre. Me reforma pela qual a Casa está passando sinto maravilhada e realizada em poder que reduziu o espa- ajudar com pequenos gestos a tornar a ço livre. Esta é uma vida dessas crianças mais alegre”. edição especial da OZAIR LAGO Feira da Pechincha VOLUNTÁRIA que reverterá todo o lucro para ajudar na reforma do prédio. A reforma na sede da Casa começou no ano pas- acaba atingindo a vida de todos, musado e está sendo realizada com o dando o dia-a-dia deles. Buscamos objetivo de proporcionar uma me- tirar o foco da doença, e distraí-los, lhor qualidade nos serviços presta- apresentando novos horizontes, mosdos aos pacientes e familiares aten- trando o lado bonito das coisas. Para didos diariamente. O projeto vai oti- as mães, nós tentamos inseri-las no mizar a infraestrutura do local, que contexto social, pois muitas já não contará com seis andares. Atualmen- podem trabalhar, mas com os curte, a Casa dispõe de dois quartos, que sos e oficinas de arte, elas aprensão coletivos e chegam a acomodar dem a fazer coisas novas e podem diariamente cerca de seis pacientes até ganhar dinheiro sem sair de casa. cada um. Com a reforma, serão cons- E para as crianças, nós queremos truídos quatro dormitórios com ca- mostrá-las que apesar da dificuldapacidade de acomodar dois pacien- de, a vida é bela. Queremos dar uma tes e seus acompanhantes em cada ótima qualidade de vida à elas, enum. Também serão construídas quanto vida elas tiverem", disse. novas instalações para cozinha, alHoje, a Casa Durval Paiva aten-

de cerca de 750 crianças e adolescentes vindos de todo o Estado e também da Paraíba e do Ceará. Alguns moram na instituição durante o período de tratamento, e outras, que moram na grande Natal, passam as tardes ali, tendo aulas e atividades educacionais. A instituição conta com o apoio de voluntários que se dedicam diariamente aos pacientes e familiares da Casa. Ozair Lago Wellington Rocha trabalha voluntariamente na Casa há 16 anos e se sente realizada com o exercício de solidariedade. "Para mim, é muito gratificante poder me doar para uma causa tão nobre. Hoje sou universitária do curso de Serviço Social e posso aplicar todos os meus conhecimentos aqui na Casa. Me sinto maravilhada e realizada em poder ajudar com pequenos gestos a tornar a vida dessas crianças mais alegre", disse a voluntária Ozair Lago. A Feira da Pechincha ocorre até às 16h, na sede da Casa Durval Paiva, localizada na rua Clementino Câmara, 234, no Barro Vermelho. As doações podem ser feitas pessoalmente ou através de depósito no Banco do Brasil, Agência 2870-3, Conta Corrente 5918-8. Maiores informações pelo telefone: 4006-1600.

da quarentena ao entrarem e saírem do Estado. Segundo o assessor de imprensa da Associação Norte-riograndense de Criadores (Anorc), Marcelo Abdon, são cinco mil animais e 500 expositores que tomarão todos os espaços reservados. Junto com eles, centenas de tratadores e pessoal de manutenção garantirão a organização da festa considerada uma das mais tradicionais exposições pecuárias do Brasil. Este ano, a 50ª Festa do Boi terá uma programação de shows bastante diversificada. A abertura acontece no dia 11 com as presenças do Forró Pé de Ouro, Forró Pegado, Solteirões do Forró e Thiaguinho. Já no dia 13, Chiclete com Banana, Cavaleiros do Forró e Toca

do Vale sobem ao palco. No dia 19, as atrações serão Sorriso Maroto, Aviões do Forró e Dorgival Dantas. E, no encerramento da festa, dia 20, a festa fica por conta da animação da Banda Garota Safada, Forró da Pegação e Ricardo Chaves. Em matéria de negócios a serem fechados durante a Festa, os números projetados pelos organizadores repetem as cifras alcançadas na edição do ano passado - R$ 100 milhões de operações de compra e venda, incluindo material genético. "Tudo o que é financiado pelos bancos para o agronegócio estão resumidos na Festa do Boi", explica Marcelo Abdon. Cerca de 80% dos financiamentos são feitos pelo Banco do Nordeste no Brasil que, no ano passado,

emprestou perto de R$ 60 milhões. Deste total, R$ 8,5 milhões foram emprestados durante os oito dias da feira. Os recursos são aquisição de animais, mercadorias, máquinas, equipamentos e veículos. Este ano, a expectativa é de que o BNB financie perto de R$ 80 milhões. Entre 2007 e 2011, o valor negociado saltou de R$ 4,5 milhões para R$ 60 milhões, valor este 13 vezes maior que o negociado há cinco anos. O Banco do Brasil, que tradicionalmente monta estande na feira, projeta fechar R$ 5 milhões em negócios durante o evento. O valor é 42,8% maior que o emprestado em 2011, segundo informou o banco. O volume negociado dependerá da capacidade de endividamento dos produtores.


8 O Jornal de HOJE

Natal, 9 de outubro de 2012

Economia

Terça-feira Arquivo

HOJE na Economia MARCOS AURÉLIO DE SÁ

marcossa@jornaldehoje.com.br

SYLVIA SÁ - INTERINA Programa de Rastreamento e Monitoramento de Agrotóxicos será lançado quinta-feira no RN n A Associação dos Supermercados do Rio Grande do Norte (Assurn) lançará nesta quinta-feira, às 8h, no Hotel Imirá, o Programa de Rastreamento e Monitoramento de Agrotóxicos (RAMA). n Cerca de 90 lojas já aderiram ao programa, que está sendo lançado de forma pioneira no Rio Grande do Norte. n O RAMA irá rastrear e monitorar o uso de agrotóxicos nas frutas, verduras e legumes comercializados no Estado, permitindo que o consumidor saiba a procedência dos alimentos. n A empresa responsável pela implantação do RAMA, a PariPassu, fará testes para medir a quantidade e qualidade de agrotóxicos nos alimentos. n "Os produtores que estiverem em desacordo com as determinações da Anvisa serão notificados e os supermercados serão comunicados para que troquem seus fornecedores de imediato", esclareceu o vice-presidente da Assurn, Eugênio Medeiros, coordenador do programa. n Os primeiros testes já foram realizados e serão apresentados durante o lançamento do programa. n De acordo com Giampaolo Buso, diretor comercial da PariPassu, o programa atende a uma demanda mundial de segurança de alimentos. n "Bons resultados significam mais negócios levando em consideração o respeito ao meio ambiente e a sociedade", disse ele. n O programa aponta ainda para preocupação dos supermercadistas com a qualidade dos produtos comercializados nas lojas. n Segundo o presidente da Assurn, Geraldo Paiva Junior, o RAMA é uma garantia aos clientes de que estão comprando alimentos de qualidade. n "Os consumidores terão todas as informações sobre os produtos. Quem utiliza smart phone, por exemplo, poderá rastrear os produtos imediatamente das lojas ou de casa", conta. n O lançamento do RAMA contará com a presença da governadora Rosalba Ciarlini, do presidente e do vice-presidente da Associação Brasileira de Supermercados (Abras), Sussumu Honda e Márcio Milan, o promotor Sérgio Sena, da promotoTradicional leilão de cavalo Quarto de Milha Oferecerá 52 lotes n Será na próxima terça-feira, dia 16 de outubro, dentro da programação da Festa do Boi 2012, o tradicional leilão de cavalo promovido pela Associação Norte-rio-grandense de Quarto de Milha (ANQM). n A partir das 19 horas, no Tattersal José Bezerra de Araújo, serão negociados 52 lotes de criadores locais e de outros Estados nordestinos como Pernambuco, Paraíba, Piauí e Ceará. n Essa é a vigésima terceira edição do leilão da ANQM, que atrai compradores de diversas regiões brasileiras. n O leilão apresentará animais de qualidade referenciada e com a linhagem de velocidade, trabalho e vaquejada. n Os negócios serão firmados com o pagamento em até 30 parcelas. n O evento será transmitido pela internet através do Canal do Criador. Conema realiza reunião ordinária para empossar membros e discutir APA n O Conselho Estadual de Meio Ambiente (Conema) empossa nesta terça-feira, durante a sua 66ª reunião ordinária, realizada no auditório do Idema, os novos membros representantes da Secretaria Estadual de Meio Ambiente e dos Recursos Hídricos (Semarh). n Durante a reunião foi apresentada a minuta do decreto de criação da Área de Proteção Ambiental (APA) Dunas do Ro-

ria do consumidor, além de representantes dos órgãos responsáveis pela vigilância sanitária do RN. Quase 80% dos natalenses vão comprar presentes para o Dia das Crianças, diz pesquisa n De acordo com pesquisa realizada pela Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do RN, através do seu IPDC, quase 80% dos natalenses afirmam que vão comprar presentes para a meninada até o próximo dia 12 de outubro, quando se comemora o Dia das Crianças. n O gasto médio com cada presente deverá ser de R$ 118,17. n Os dados reafirmam as expectativas otimistas para o último quadrimestre do ano que já vinham sendo externadas pela Fecomércio RN. n De acordo com a pesquisa, que ouviu 600 pessoas em Natal entre os dias 20 e 23 de setembro, 69,4% dos entrevistados irão procurar o presente somente nesta semana. n Mais uma vez, devido à variedade de opções, comodidade e principalmente segurança, a maioria dos entrevistados (51,8%) afirma que deverá fazer suas compras em shoppings. O comércio de rua é citado como opção por 38,2% dos pesquisados. n Como não poderia deixar de ser, o item mais citado dentre as opções de presentes é o brinquedo, com 50,3%. n O segundo item mais lembrado é o vestuário (26,2%), seguido por calçados, com 7,2%. n Outros itens mencionados são os eletrônicos (videogame, computador, celulares), com 5,9% das respostas. n Para economizar, os consumidores farão pesquisa de preço (51,9%) e irão procurar as promoções ou descontos (56,6%). n Porém, o bom atendimento (19,9%), divulgação (6,5%), brindes temáticos (4,6%), qualidade dos produtos (3,8%), variedade de produtos (3,4%) e facilidade de pagamento (3,1%), são alternativas para que os lojistas possam atrair mais clientes. n A forma de pagamento mais utilizada será à vista (55,3%). Em segundo lugar está o cartão de crédito, com 38,2%, seguido por cartão de débito (2,9%).

sado. Os estudos técnicos estão sendo realizados e a proposta precisa de aprovação do Conema para ser efetivada. Após aprovado, segue para que o decreto seja assinado pela governadora Rosalba Ciarlini. n A pauta também incluiu apresentação e discussão das propostas relacionadas à criação de Unidades de Conservação, além de informes gerais e aprovação de atas de reuniões ordinárias e extraordinárias anteriores. n A presidência do Conema é exercida pelo secretário de Estado do Meio Ambiente e dos Recursos Hídricos, Gilberto Jales. Sebrae comemora 40 anos reunindo autoridades para solenidade em Brasília n Os 40 anos do Sebrae serão comemorados nesta terça-feira, em Brasília. n A presidente da República, Dilma Rousseff, e outras autoridades foram convidadas para a solenidade, que terá início às 17h, na sede do Sebrae Nacional. n A cerimônia contará com a presença dos conselheiros, diretoria executiva e ex-dirigentes que passaram pela instituição nessas quatro décadas. n Criado em 1972, o Sebrae trabalha pelo estímulo e desenvolvimento dos pequenos negócios. n Os microempreendedores individuais, microempresas e empresas de pequeno porte representam 99% das empresas brasileiras, respondem por aproximadamente 25% do Produto Interno Bruto (PIB),

geram mais da metade dos empregos formais e são responsáveis por 40% da massa salarial paga no país. Riachuelo abre mais de 40 vagas de emprego para lojas em Mossoró n A Riachuelo está com vagas abertas para as lojas do West Shopping e do centro de Mossoró. n A rede de lojas, considerada a maior empresa de moda do Brasil, oferece mais de 40 novas oportunidades de emprego exclusivamente para essas unidades. n As contratações já estão acontecendo e os interessados devem enviar os currículos para o email rh089@riachuelo.com.br até o dia 30 deste mês. n As vagas são para cargos comerciais, financeiros, administrativos e operacionais. n A empresa oferece plano de carreira e, entre os seus benefícios, estão vale refeição, vale transporte, plano de saúde, participação nos lucros, entre outros. n A rede também oferece oportunidades de emprego para pessoas com deficiências. n Para as vagas de supervisor, encarregado e líderes, é necessário que os candidatos tenham ensino superior cursando ou completo. Para as demais, ensino médio completo. n Em todos os cargos é necessário ser maior de 18 anos, disponibilidade de trabalho aos finais de semana e feriados, afinidade com moda e varejo e bom relacionamento interpessoal.

Recomeçam debates sobre ocupação da Via Costeira SEIS

HOTÉIS CONTINUAM COM SEUS PROJETOS TRAVADOS Wellington Rocha

MARCELO HOLLANDA HOLLANDAJORNALISTA@GMAIL.COM

Depois de hibernar por algum tempo, o debate sobre a liberação de áreas para a construção de novos projetos hoteleiros na Via Costeira voltou à pauta do dia. Amanhã, o tema será debatido na OAB e ainda esta semana na UFRN. Dos 17 terrenos remanescentes ali, há seis com projetos aprovados na Secretaria Municipal de Urbanismo e Meio Ambiente (Semurb). Hoje, o superintendente do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) no RN, Alvamar Queiroz, rebateu um comentário da governadora Rosalba Ciarlini, que teria atribuído ao órgão ambiental responsabilidade integral pelo atraso na liberação das áreas. "Aqui, somos técnicos e não políticos. Não emperramos projetos", afirmou Alvamar, ao sugerir que a governadora ouvisse outros interlocutores da mesma questão, como o Ministério Público Federal, Advocacia Geral da União (AGU) e os próprios hoteleiros que são contrários à instalação de novos concorrentes. "Não entendo porque tudo só cai nas costas do Ibama", queixou-se. Mas Alvamar não se furtou a ironizar o esforço liderado pelo governo estadual para impor novos hotéis na Via Costeira, "quando nem os acessos às praias foram construídos, mesmo depois das últimas obras de demarcação das pistas". E acrescentou: "Cada um diz que vai fazer e acontecer, mas nada se resolve", criticou o superintendente do Ibama. Queiroz, que anteriormente frisara sua isenção sobre a ocupação na Costeira, criticou quem insiste na ideia de "encher de concreto" toda aquela área ao invés de se preocupar em conservar ali as belezas naturais que, segundo ele, são mais importantes para o turismo do que beneficiar o interesse da iniciativa privada. O superintendente do Ibama lembrou, ainda, que existem outras áreas para a construção e hotéis em Natal e até agora ninguém falou nesse assunto. O secretário estadual de Turismo, Renato Fernandes, viajou para Brasília no primeiro vôo da

Superintendente Alvamar Queiroz lembra: “Aqui, somos técnicos e não políticos” manhã e não pôde ser ouvidos pela reportagem. Mas o secretário-adjunto da Setur, George Lima de Oliveira, disse que o governo estadual continua trabalhando com a premissa de que a Semurb tem a competência total para liderar as áreas da Via Costeira aos novos projetos. "Tivemos a indicação disso junto à própria presidência do Ibama, em Brasília, quando ficou claro que o órgão não se atravessaria nesse problema, nem seria fator de atraso aos projetos", explicou. O superintendente do Ibama no Estado, porém, tem uma visão diferente do problema. "O impasse não é culpa nossa, aliás, não temos nada a ver com isso", insistiu Alvamar, apesar de declarar reiteradas vezes nutrir nenhuma simpatia à idéia de adensar ainda mais a Via Costeira com hotéis. Hoje, nos 7,5 quilômetros de extensão da Via, existem 12 hotéis e 14 terrenos, sete em processo de licenciamento para construção de hotéis ou resorts turísticos. Dos 29 lotes ali localizados, oito ainda estão desocupados. Hoje, o vice-presidente da Associação Brasileira da Indústria Hoteleira no RN (ABIH), George Gosson, disse não entender porque ainda se debate tanto o assunto de ocupação da Costeira, cuja competência, de acordo com o próprio Plano Diretor, é da Semurb e, portanto, do município.

Embora sendo da opinião que Natal está bem servida de hotéis e não precisa de outros para acolher as exigências da Fifa para a Copa de 2014, Gosson afirmou que não se pode criar uma oposição sobre a instalação de novos hotéis ali. "Trata-se aqui de uma questão de segurança jurídica, ou se tem ou não se tem", resumiu. E concluiu: "O ideal é o investidor ter sempre a segurança que sua aplicação não vai se perder por embargos e cassações de licenças".

CMYK


Cidade

Terça-feira

Natal, 9 de outubro de 2012

O Jornal de HOJE 9

Obras da Casa Cor RN estão sendo concluídas EVENTO

QUE REÚNE ARQUITETURA, DECORAÇÃO E PAISAGISMO ACONTECE DE

O mercado potiguar receberá nos próximos dias o Casa Cor Rio Grande do Norte, maior evento da América Latina que reúne arte, arquitetura, decoração, paisagismo e gastronomia em diversos ambientes. Na etapa final de construção do espaço, cerca de 1,5 mil operários diretos e indiretos estão trabalhando na conclusão da obra para realização do evento, que estará em exposição para todo o público entre os dias 17 de outubro a 30 de novembro onde está localizada a antiga fábrica da Sam's, na avenida Salgado Filho. O espaço vem passando por uma grande reforma para comportar 45 ambientes projetados por diferentes profissionais potiguares, entre arquitetos decoradores e paisagistas. Visto em todo o Brasil como uma importante vitrine, a ideia do Casa Cor Rio Grande do Norte é apresentar valores dos profissionais locais, inovações tecnológicas e lançamentos de diversos produtos que compõem um estilo de vida moderno, sustentável e com muito conforto. Originalmente de São Paulo, o Casa Cor já acontece há 26 anos em diversas cidades do Brasil e da América Latina, possuindo 18 franquias no País e mais quatro no exterior. No RN, a aposta de sucesso no evento está sendo proporcionada pelo artista plástico César Revoredo e pela empresária Nereide Britto Figueiredo, dupla que vem estudando o crescimento econômico e imobiliário do Estado há três anos para trazer um evento de grande porte como esse. "O Casa Cor é o maior evento de decoração das Américas e o segundo maior do mundo. Inaugurei o evento no Ceará, em 1999, e me associei a César para trazermos à Natal essa grande vitrine que o Casa Cor proporciona para profissionais e fornecedores locais mostrarem seu talento", afirma Nereide Britto. De acordo com César Revoredo, o evento aqui no Rio Grande do

17

DE OUTUBRO A Fotos: Herácles Dantas

O evento, que será realizado na antiga fábrica da Sam's, está passando por grande reforma para comportar 45 ambientes projetados por diversos profissionais Norte vai valorizar o talento dos profissionais potiguares. "Essa é uma exposição com requinte. As pessoas poderão conhecer o talento de diversos profissionais e encontrar o que há de melhor no mercado. Gosto de dizer que essa é uma exposição onde podemos encontrar elementos que vão do tapete a uma jóia", disse. Serão apresentados projetos estruturados como restaurantes, cafeterias, apartamentos, academia, espaços comerciais, além de ambientes homenageado personalidades potiguares como o industrial Orlando Gadelha Simas, a cantora Roberta Sá, a modelo Fernanda Tavares e a esportista Virna Dias. A arquiteta Maria Luíza Lama é dona de um projeto inovador de restaurante que estará funcionando

durante todos os dias da exposição. "Faz tempo que nós arquitetos estávamos atrás de um evento de grande porte como o Casa Cor. Natal é

“Faz tempo que nós arquitetos estávamos atrás de um evento de grande porte como o Casa Cor” MARIA LUÍSA LAMAS ARQUITETA

uma das poucas capitais que ainda não tinham acolhido essa ideia. É uma ótima oportunidade das pessoas verem os nossos projetos construídos e apostarem em uma ideia

30

DE NOVEMBRO

com o tema Estilo, Moda e Tecnologia. Durante os dias de funcionamento, o evento promete mexer com toda a cadeia produtiva envolvida nos projetos de montagem e decoração de ambientes, oferecendo oportunidades e visibilidade para profissionais e fornecedores. Uma programação especial será apresentada durante todo o evento, com destaque para a Semana de Moda, organizada pelo produtor George Azevedo, que terá a participação da modelo internacional Fernanda Tavares e desfiles de grandes grifes. O evento também apresentará a Semana de Gastronomia, com a participação de Chefs locais e nacionais e a Semana da Cultura, com lançamentos de livros, apresentações musicais, artes e artesanato. O Casa Cor Rio Grande do Norte estará funcionando nos dias 17 de outubro a 30 de novembro, estando aberto para visitação de terça a domingo, das 16h às 22h. A taxa de entrada é de R$ 20 inteira e R$ 10 estudante. Nos últimos dias de exposição será promovido o "Style Sale", oportunidade dos visitantes adquirirem diversos objetos da exposição com até 70% de desconto.

inovadora", disse. O restaurante, que será administrado durante o evento pelo Buongustaio, é adotado pela arquiteta como um projeto que "une o espaço contemporâneo com o clássico". "Meu projeto prova que a gente pode misturar diversos elementos em único ambiente. Utilizei materiais sustentáveis para a ambientação de um restaurante que possui elementos de diversas décadas. Aqui as pessoas verão a aplicação do clássico da madeira e até a modernidade das cadeiras escolhidas", afirma Maria Luíza Lamas. O EVENTO Cerca de 30 mil visitantes deverão passar pelo Casa Cor, que está em sua primeira edição em Natal

Cerca de 1,5 mil operários estão trabalhando na fase de conclusão da obra

CMYK


10 O Jornal de HOJE

Natal, 9 de outubro de 2012

Cidade

Terça-feira

Subtenente atira em coronel PM ACUSADO ESTÁ DETIDO NO QUARTEL DO COMANDO GERAL E O OFICIAL CONTINUA INTERNADO NO CLÓVIS SARINHO José Aldenir

ALESSANDRA BERNARDO REPÓRTER

O comandante do Policiamento Metropolitano, coronel Wellington Alves Pinto, sofreu uma tentativa de homicídio durante a madrugada de hoje, dentro do prédio onde reside, no bairro de Nova Parnamirim. Ele levou um tiro de pistola calibre ponto 40 no abdome e passou por procedimento cirúrgico no Complexo Hospitalar Clóvis Sarinho, onde está internado em observação no Centro de Recuperação Pós-Operatória (CRO). Seu estado de saúde é estável e ele não corre risco de morte. Segundo o comandante geral da Polícia Militar no Rio Grande do Norte, coronel Francisco Canindé de Araújo Silva, o atentado ocorreu durante a madrugada de hoje, quando Alves foi atingido por um disparo efetuado pelo subtenente Alexandre Tavares. O acusado, filho do ex-comandante da PM Virgílio Tavares da Silva, possui transtornos psiquiátricos e estava em crise quando atirou contra o seu superior. O comandante explicou que o coronel Alves e o subtenente Tavares moram no mesmo prédio, em um condomínio na avenida Abel Cabral. E que, durante a madrugada, o subtenente ligou para o coronel pedindo socorro e que este fosse até o seu apartamento porque vários homens estavam tentando invadir o imóvel. Já ciente do histórico psicológico de Tavares, o coronel Alves foi até o apartamento. "Na cabeça do subtenente, que

Coronel Alves (FOTO) foi chamado ao apartamento do subtenente Tavares, que o recebeu de arma em punho e atirou sofre com problemas psiquiátricos, o coronel Alves também era um desses invasores e também estava tentando invadir a sua casa, daí, ele já abriu a porta com a arma em punho e atirou, pensando que estava atingindo um criminoso. Acreditamos que o Tavares tenha tido mais uma crise esquizofrênica e que tenha agido dessa forma por causa da doença e não por má fé, até porque ele é uma pessoa dócil", explicou o comandante Araújo. Após o disparo, os moradores do prédio entraram em pânico, com medo de que realmente estivesse acontecendo uma invasão ao condomínio. Muitos correram para

fora dos apartamentos para ver o que tinha acontecido e se depararam com o coronel Alves baleado com um tiro no abdome e o subtenente Tavares com uma pistola nas mãos. O Centro Integrado de Operações em Segurança Pública (Ciosp) foi acionado e viaturas da Polícia Militar foram enviadas até o local da ocorrência. Uma ambulância do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) também foi encaminhada para o condomínio e socorreu o coronel Alves para o Complexo Hospitalar Clóvis Sarinho, no bairro do Tirol, onde ele passou por cirurgia para retirada do projétil.

ACUSADO ESTÁ AFASTADO O comandante Araújo afirmou que o acusado pelo atentado, o subtenente Alexandre Tavares, possui histórico de transtornos psiquiátricos e que por isso, foi afastado de suas atividades em fevereiro passado, após determinação da Junta Médica da Polícia Militar. Lotado no 3º Batalhão, situado em Parnamirim, o acusado entrou na corporação em 1988. O subtenente foi detido pelos colegas de farda e levado para a sede do Comando Geral da PM, no bairro do Tirol, onde deve aguardar a ordem médica para novas avaliações médicas. Segundo o coman-

dante Araújo, dependendo do laudo da Junta Médica, o acusado poderá ser enviado para um hospital psiquiátrico, onde ficará internado. "Diante disso tudo, acreditamos que o subtenente Tavares tenha tido um surto psicótico ou uma crise esquizofrênica e tenha agido dessa forma imaginando que seria atacado pelo coronel Alves, que é síndico do condomínio onde ambos residem. Agora, o acusado passará por novas avaliações e somente os médicos é que podem dizer o que provocou essa crise", afirmou Araújo. Dentro da residência do acusado, os policiais encontraram quatro armas de fogo, sendo duas pistolas ponto 40, uma espingarda calibre 12 e um rifle 38. Todas foram apreendidas e ele foi encaminhado para a sede do Instituto TécnicoCientífico de Polícia do Rio Grande do Norte (Itep/RN), onde passou por exame de corpo de delito. De lá, ele foi levado para a sede do Comando Geral, onde está detido no Quartel da Polícia Militar, sob custódia da corporação. O subtenente Tavares, de 42 anos, não reagiu à abordagem policial e aceitou se entregar. CORONEL ALVES DEVE SER TRANSFERIDO EM BREVE PARA HOSPITAL DA PM Após passar por procedimento cirúrgico no Clóvis Sarinho, o coronel Alves está internado em observação no Centro de Recuperação Pós-Operatória da unidade. Uma equipe médica do Hospital da Polícia Militar foi enviada até o local para fazer uma avaliação do es-

tado de saúde do militar, que deve ser transferido em breve. Ele está bem, consciente e respira sem a ajuda de aparelhos. Seu estado de saúde é estável e, de acordo com informações da Assessoria de Comunicação do Clóvis Sarinho, não há risco de morte. Segundo o diretor do Hospital da PM, coronel Kleber Cavalcanti, a transferência será feita assim que o coronel Alves tiver condições físicas e médicas para ser removido para a unidade, que já está preparada para recebê-lo. "Isso vai acontecer quando ele estiver plenamente recuperado e quando não houver mais nenhum risco para a sua vida", afirmou. VÍTIMA PERDEU IRMÃO EM EMBOSCADA O comandante do Policiamento Metropolitano, coronel Wellington Alves, é irmão do agente de Polícia Civil Antônio Pereira Pinto Neto, assassinado durante uma emboscada no município de São José do Mipibu, na Região Metropolitana de Natal. O crime, que vitimou também o agente Jovanez de Oliveira Borges, aconteceu na noite do dia 03 de setembro passado e chocou o Rio Grande do Norte. Lotados na Delegacia Especializada na Defesa da Propriedade de Veículos e Cargas (Deprov), os dois policiais civis foram atacados em uma estrada carroçável na comunidade Taborda, por bandidos armados com fuzis. Eles tinha ido até o local em busca de um veículo que tinha sido roubado e seria usado para crimes na região.

>NA ZONA NORTE DE NATAL

Cinco cavam túnel e fogem do Provisório Pelo menos cinco presos do Presídio Provisório Raimundo Nonato, na zona Norte de Natal, conseguiram fugir após cavarem um túnel ligando o refeitório à área externa do local, na manhã de hoje. A suspeita é que mais presos tenham conseguido escapar pulando o muro. Um veículo Fiat Strada de cor prata está sendo procurado pelos homens do Batalhão de Polícia de Choque (BPChoque), do 4º Batalhão da Polícia Militar e o auxílio do helicóptero Potiguar I, da Secretaria Estadual da Segurança Pública e da Defesa Social (Sesed). Segundo o oficial de operações do BPChoque, tenente Augusto Gadelha, a fuga aconteceu por volta das 10 horas, quando um dos agentes do Corpo de Guarda da unidade percebeu a presença de quatro detentos que estavam pulando o

muro para a área externa. O servidor ainda efetuou três tiros de advertência para tentar assustar os fugitivos e impedir a evasão, sem sucesso. Ele disse que um veículo Fiat Strada prata está sendo procurado pelos policiais militares por suspeita de ter dado cobertura à fuga. Após os disparos, que alertaram os agentes penitenciários de plantão para uma possível fuga em massa, os presos começaram a se agitar, mas foram controlados pouco tempo depois. Após isso, os agentes descobriram a existência de um túnel, que começou a ser escavado ainda dentro do refeitório da unidade prisional e termina na área externa lateral à entrada do Presídio Provisório. Uma rápida contagem de presos foi feita e os agentes penitenciários notaram a ausência de cinco

detentos, que podem ter fugido. Segundo o tenente Gadelha, o fato foi comunicado à Polícia Militar, que enviou homens do BP Choque, do 4º BPM e também solicitou o auxílio do helicóptero Potiguar I, da Sesed. A aeronave passou a manhã sobrevoando a região onde o presídio está localizado, no conjunto Santarém, na zona Norte. Uma nova recontagem deve ser feita no período da tarde, para determinar o número exato de presos que conseguiram fugir. Os presos que conseguiram fugir são: Carlos Alberto Gomes da Silva, o "Lagostão", acusado de latrocínio; Adriano da Conceição, acusado de assalto; Alexandre Ferreira Barbosa da Silva, acusado de homicídio; Allan John da Cruz Silva, acusado de assalto e latrocínio e Rafael Abatte de Lima, acusado de assalto.

Welligton Rocha

Policiais militares foram acionados e nova contagem de presos será feita hoje, para checar se outros escaparam

> DOIS MAIORES E UM ADOLESCENTE

Trio é flagrado roubando fiação da Ponte de Todos Duas pessoas foram presas e um adolescente apreendido em flagrante roubando parte da fiação de iluminação pública da Ponte de Todos Newton Navarro, que liga as zonas Leste e Norte de Natal. Com eles, os policiais militares conseguiram recuperar aproximadamente cem metros dos fios que tinham sido cortados e que, conforme os policiais militares que atenderam a ocorrência, seriam revendida no mercado irregular.

De acordo com informações do 4º Batalhão da Polícia Militar, os acusados Gilberto Rodrigues de Macedo Filho e Gilzean de Oliveira Martins estavam roubando os fios de cobre dos postes, quando foram surpreendidos pelos militares, que abordaram a dupla após os ladrões terem sido flagrados pelas câmeras de vigilância eletrônica. O terceiro acusado, um adolescente de 17 anos, era responsável

por dar cobertura à dupla e, no momento da abordagem, estava escondido embaixo da ponte, observando a aproximação de viaturas da Polícia Militar. Após ter sido flagrado pelas câmeras, o jovem foi abordado pelos militares, que desconfiaram da atitude suspeita do rapaz. Os três acusados não reagiram à abordagem policial e foram encaminhados para a Delegacia de Plantão da zona Norte, onde foram autua-

dos em flagrante por roubo. Já o adolescente foi enviado para a Unidade Socioeducativa de Internação Provisória (Ciad) de Natal, onde ficará à disposição da Justiça. O roubo dos fios de cobre, que integram a rede de iluminação pública da Ponte Newton Navarro, também chamada Ponte de Todos, é uma prática recorrente, conforme informações da Polícia Militar. Os criminosos que praticam esse

tipo de crime geralmente revendem o material para fundições ou no mercado irregular. Para evitar esse e outros tipos de crime no local, que é um dos cartões postais de Natal, foram instaladas câmeras de vigilância eletrônica na região, que repassa as imagens captadas diretamente para o Centro Integrado de Operações em Segurança Pública (Ciosp), da Polícia Militar.

A corporação pede o apoio das pessoas para evitar esse tipo de crime e, para isso, divulgam os números 190 da Polícia Militar e o 181, que é o disque-denúncia da Secretaria Estadual da Segurança Pública e da Defesa Social (Sesed). As ligações são gratuitas e os dados do denunciante não são divulgados, garantindo o sigilo absoluto. Apesar disso, quem não quiser se identificar, pode fazer a denúncia de forma anônima.


Cidade

Terça-feira

Natal, 9 de outubro de 2012

1 E1 den o O Ja H lrJ

O Jornal de HOJE 11

edadC i

Alex Medeiros alex.medeiros1959@uol.com.br

Pesquisas, fotos e filmes Por José Roberto de Toledo* Pesquisa eleitoral é mais do que a fotografia do momento. Pesquisa eleitoral é filme. Só a sequência de fotogramas de uma eleição é capaz de contar a sua história e apontar tendências. Quem acompanhou as eleições pelas pesquisas do Ibope e da Datafolha foi capaz de entender as idas e vindas do eleitor e até projetar o final do filme, especialmente em São Paulo. Não fossem as pesquisas, o fenômeno Celso Russomanno (PRB) não seria conhecido. Só saberíamos, ao final da apuração, que o candidato de um partido nanico "surpreendeu" e teve 22% dos votos válidos. Não saberíamos que ele saiu do nada, cresceu, liderou durante mais de um mês, caiu e morreu na praia. Sem as pesquisas, os adversários de Russomanno não teriam virado sua artilharia contra ele na reta final da campanha - e, talvez, o candidato do PRB não tivesse despencado na intenção de voto dos paulistanos, e hoje tivéssemos um segundo turno de Russomanno contra José Serra (PSDB) ou Fernando Haddad (PT). A pesquisa influencia o resultado da eleição? Obviamente sim. As pesquisas balizam a cobertura pela imprensa e dimensionam o espaço que cada candidato recebe nos meios de comunicação. É uma razão objetiva de por que Levy Fidélix (PRTB) não tem a mesma visibilidade dos líderes. Pesquisa eleitoral é informação democratizada para o eleitor saber - e não só os políticos - o que acontece e tomar decisões informadas de apoio e rejeição. Não houvesse pesquisas, não saberíamos quem são os prefeitos populares e impopulares e, portanto, não saberíamos explicar por que alguns deles se reelegem e outros não. Tampouco saberíamos que essa é a principal razão do voto nos municípios, o desejo de mudança ou de continuidade dos incumbentes. Não houvesse pesquisas, não conheceríamos o enredo da eleição. As disputas eleitorais seriam um roteiro sem começo e meio, só fim. As histórias seriam muito menos interessantes, e seria ainda mais difícil que o eleitor prestasse atenção nelas. Não bastassem todas essas razões, as pesquisas ainda têm um alto índice de acerto. Tanto Ibope

quanto Datafolha apontaram a queda abrupta de Russomanno e a tendência de crescimento de Serra e Haddad, e que isso se intensificava na última hora. O empate era o instantâneo da véspera, mas quem olhou os fotogramas em movimento anteviu o que ocorreria no dia da eleição. O Ibope fez uma autoavaliação, comparando 22 pesquisas de antevéspera, 27 de véspera e 13 bocas de urna ao resultado final da eleição. As taxas de votos válidos de centenas de candidatos foram comparadas a seus índices nas pesquisas mais próximas da data da eleição. Os desvios foram somados (descartando-se as redundâncias) para calcular a média de acerto em cada cidade. A média das médias foi de 95%. Não por coincidência, 95% é o intervalo de confiança previsto para as pesquisas de intenção de voto do Ibope. Há erro? Há, mas ele é baixo, de 5% em média, e está dentro do previsto. A maior taxa de acerto do Ibope foi em Belo Horizonte, onde a soma dos valores superestimados na boca de urna foi de 2,4% (logo, os subestimados foram -2,4%) e o índice de acerto chegou a 97,6%. Em São Paulo, o índice foi de 97,2%. O maior erro foi em Manaus, onde o Ibope superestimou a taxa de Vanessa Grazziotin e o índice geral de acerto foi de apenas 91,8%. O erro em Manaus talvez se explique por uma taxa de abstenção maior nos bairros pobres onde a candidata do PC do B é mais votada, talvez não. Obviamente o erro importa, e muito, para os eleitores de Manaus, mas no agregado das 62 pesquisas avaliadas, está dentro do previsto. Mas os erros sempre sobressaem aos acertos. É a história do filme e da foto. (JRT, no Estadão)

PESQUISAS

DILMA CÁ

O deputado federal Henrique Alves (PMDB) postou ontem no Twitter sua indignação com o erro nos números da última pesquisa Vox Populi e sugeriu que a FIERN tomasse providências para impedir futuras disparidades nos índices dos candidatos.

Os dois lados vão negar enquanto puder, mas PMDB e PDT irão, sim, tentar o apoio de Dilma Rousseff no segundo turno. Hermano tem Henrique Alves como aliado maior da presidente; Carlos tem a chefe do Casa Civil do Planalto, ministra Gleisi Hoffmann.

PEQUISAS II

DILMA LÁ

Henrique só esqueceu de citar o erro absurdo do último Ibope, publicado na sexta-feira em sua televisão Inter TV, que apontou vitória de Carlos Eduardo no primeiro turno com vantagem de 2%, uma diferença de 20% para o resultado oficial das urnas.

Ficou mais que evidente a força providencial da presidente da República na chegada de Fernando Haddad ao segundo turno em São Paulo. Enquanto contava somente com Lula, o candidato patinava abaixo dos 20%. Dilma foi lá e ele quase bate os 30%.

VOTO PETISTA

ELEIKA

Nem bem Fernando Mineiro informou que iria consultar as instâncias partidárias sobre a posição do PT no segundo turno e a cidade de Natal já está repleta de petistas declarando voto em Carlos Eduardo (PDT), gente até com cargos em diretórios.

A vitória da professora Eleika Bezerra, 69, foi o destaque da eleição natalense na imprensa do eixo Rio-São Paulo. Sua proposta de destinar o salário de vereadora para instituições carentes ganhou largo espaço nos maiores sites do país, como o de O Globo.

PELO TWITTER

FORÇA RENOVADA

VOTO NULO

MOSSORÓ

AMANDA E HELOÍSA

É A OPINIÃO, ESTÚPIDO!

Com poucos minutos após a apuração das urnas, uma das primeiras declarações de voto de um petista em Carlos Eduardo partiu da professora Tetê Bezerra, conhecida militante do segmento cultural. Ela é simplesmente irmã da deputada Fátima Bezerra. Alguns antigos fundadores do PT, dois deles candidatos na primeira eleição que o partido participou no RN, em 1982, anularam o voto para prefeito no domingo. Os dois em questão, diga-se, não são do grupo que optou por uma nova militância no PSOL.

E o PSOL já fez história na eleição 2012, elegendo as duas vereadoras mais votadas do Brasil, em Natal e Maceió. Enquanto Amanda Gurgel cravou incríveis 32.819 votos, a ex-senadora Heloisa Helena foi eleita na capital alagoana com 29.122 sufrágios.

O recém formado PSD, dirigido no RN pelo vicegovernador Robinson Faria, estreou em 2012 com grande desempenho, elegendo 21 prefeitos e se firmando como o terceiro maior partido do estado. Robinson também elegeu prefeitos filiados noutras siglas. Com todo o desgaste de popularidade que atinge no momento a governadora Rosalba Ciarlini, a vitória de Claudia Regina (DEM) em Mossoró injeta ânimo no exército democrata, que tem na cidade oestana uma base sólida para a luta de 2014.

Diariamente, vê-se nas redes sociais alguns escribas vomitando a velha e nada empírica cantilena do jornalismo dos is; independente, imparcial e incolor. Só os médiuns, em tese, relacionam-se com seres impassíveis, isentos e impolíticos: os mortos.

NU SOLIDÁRIO Mulheres da Esquadra (a polícia da Catalunha) da região de Girona posaram sem roupa para um calendário de 2013 com fins de solidariedade em favor da Associação Espanhola Contra o Câncer e para a Ong Nou Sol que realiza projetos educativos no Senegal e na Tailândia. As imagens são do fotógrafo Joel López Beltrán.

João Ricardo Correia jornalistajoaoricardocorreia@gmail.com / joaoricardocorreia@yahoo.com.br

ALVES 2 O comandante do Policiamento Metropolitano, há pouco mais de um mês, teve um irmão – que era agente de Polícia Civil – assassinado por assaltantes. Agora, viu-se diante de uma arma de fogo e terminou baleado, mas foi socorrido prontamente e até o fechamento desta edição aguardava ser transferido para o Hospital da PM. Força, meu amigo, que Deus te proteja. Quanto ao sujeito acusado de dar o tiro, que a Justiça seja feita. PARNAMIRIM Moradores do Parque Industrial esperam que as obras de drenagem e pavimentação de ruas na comunidade sejam retomadas em breve, pois haviam sido paralisadas cerca de um mês antes da eleição. Com a reeleição do prefeito Maurício Marques, a expectativa é que Parnamirim não apenas retome os serviços, como também ganhe novas obras estruturantes. PARNAMIRIM 2 O maior medo dos moradores é que chegue o verão e poeira continue invadindo as casas, deixando tudo sujo e, principalmente, crianças com problemas respiratórios. Entretanto, fontes do colunista garante que o serviço será continuado.

FUTEBOL AMERICANO Neste sábado, 13, às 18 horas, acontecerá a semifinal do Campeonato Brasileiro - Conferência Nordeste - de Futebol Americano. Será no Sesi Clube, na avenida Capitão-mor Gouveia, em frente à Ceasa, em Lagoa Nova. A entrada custa R$ 10. Os ingressos podem ser comprados na Loja do América (avenida Rodrigues Alves), Sport Mania (Potilândia) e Flávio Equipadora (avenida Prudente de Morais). As equipes que se enfrentarão são: América Bulls (RN) e Aracaju Bravos (SE).

Wellington Rocha

BRINQUEDOS Para os que desejam fazer uma boa ação no Dia das Crianças, a Servicon, administradora de condomínios, está arrecadando brinquedos, roupas e outros objetos para doação para creches e instituições de caridade no próximo dia 12. O material está sendo recebido na própria sede da empresa e a doação pode ser feita até a quinta-feira, 11, por condôminos, síndicos, funcionários da própria Servicon e pela população em geral. BRINQUEDOS 2 A Servicon já tem um trabalho de doação de cestas básicas mensalmente, conforme explica o seu diretor-presidente, Ronaldo Ribeiro Dantas. Neste mês, em virtude da comemoração do Dia das Crianças, montou-se a estrutura para receber doações de brinquedos. “Também receberemos doação de roupas usadas e outros objetos. Toda ajuda é bemvinda”, esclarece Ronaldo. BRINQUEDOS 3 O foco da campanha é mobilizar os condôminos, mas todos podem participar. Para fazer as doações, basta deixar no baú de arrecadações na sede da Servicon (avenida Nascimento de Castro, 1543, Lagoa Nova). Mais informações podem ser obtidas através do telefone 3342-9442. Serão três as entidades beneficiadas. Há 23 anos no mercado, a Servicon é uma das maiores administradoras de condomínios do Rio Grande do Norte. A empresa atende hoje cerca de 230 condomínios, oferecendo serviços como manutenção predial, cobrança, contabilidade e assessoria jurídica. TREM DA CRIANÇA Em comemoração ao dia das crianças, a CBTU promoverá na quintafeira, 11, mais uma edição do “Trem da Criança”. A iniciativa, desenvolvida pela Companhia há mais de 10 anos, é responsável por oferecer uma manhã de descontração e um passeio especial de trem para os estudantes de escolas públicas municipais e estaduais, ONGs e entidades de ensino privadas. A programação começará as 8 horas. Mais informações: 3221-3355.

De virar a cabeça Segundo turno é sinônimo de eleição, quer dizer, de leilão.

ALVES O colunista é mais um na torcida pela rápida recuperação do coronel PM Alves, atingido por um tiro, ontem à noite, deflagrado por um subtenente da corporação, por causa de uma discussão, no condomínio onde ambos moram, em Nova Parnamirim.

Flores são todas flores Quando as flores aparecem, é sinal que a vida se reveste de beleza, dando mais uma mostra da criatividade da natureza, que sempre está nos surpreendendo. Flores são pequenas maravilhas vitoriosas, que têm a capacidade, em muitos casos, de viver entre espinhos ou até mesmo em regiões inóspitas, onde a seca é companheira de quase sempre. De cores, formas e tamanhos variados, elas embelezam ambientes e nos dão força para continuar a esperá-las. Ou buscá-las.


12 O Jornal de HOJE

Cidade

Natal, 9 de outubro de 2012

Terça-feira

Daniela Freire POLÍTICA E SOCIAL - daniela.freirecosta@yahoo.com.br Bobflash

w PETISTA-MINA-DE-OURO Carlos Eduardo e Hermano Morais deverão travar uma grande luta nos bastidores da campanha do segundo turno. >>> Pelo apoio do candidato que foi considerado o mais bem sucedido no pleito em Natal: Fernando Mineiro. >>> Alguns analisam que a proximidade do PT com o pedetista, no âmbito municipal, ganha o páreo. >>> Enquanto outros acreditam que o deputado Henrique Alves tem bala suficiente para articular em Brasília a aliança PT-PMDB aqui na capital, para repetir a dobradinha existente no Governo Federal... >>> É aguardar!

Bobflash

GIRO PELO TWITTER ...do ex-secretário de Saúde do RN Domício Arruda: "Haverá substituição do representante GLBTS na CMN. Com mudança de gênero"; ...do senador Cristovam Buarque: "Os resultados das eleições permitem algum otimismo para a Educação municipal? Ou a federalização continua o caminho?"; ...do Estadão: "#mensalao Relator do caso no STF é tieta-

Miss RN Kelly Fonseca circulando pelo Trinave neste fim de semana

do durante #eleicoes: deu au-

w AÇÃO

DeSaboya.com

Fato é que Hermano e sua equipe já têm tomado as providências em busca do apoio dos candidatos a prefeito perdedores... >>> Rogério Marinho, por exemplo, foi contatado pelo peemedebista no dia seguinte ao pleito.

w INUSITADO E os menos de 1500 votos que separaram Mineiro de Hermano para a disputa do segundo turno renderam comentário ontem no Jornal Nacional. >>> O acirramento pelo segundo lugar foi considerado inusitado... w NÚMEROS QUE FALAM... No interior... >>> ...o desempenho de três deputados estaduais disputando prefeituras não foi consideram bom. >>> A deputada Larissa Rosado (PSB) ainda conquistou 46,97% dos votos em Mossoró, mas não levou... >>> Os deputados Gilson Moura (PV), que obteve 39,27% dos votos em Parnamirim, e George Soares (PR), que só conseguiu 34,38% da votação em Assu, decepcionaram.

w REPRESENTARAM Já aqui em Natal, os parlamentares disputando a Prefeitura se deram bem. >>> Fernando Mineiro (PT) conquistou 22,63% dos votos e quase chegou ao segundo turno. E Hermano Morais (PMDB), com 23,01% dos votos, chegou lá! >>> Salvaram a pátria da bancada da Assembleia Legislativa do RN...

tógrafos e tirou fotos". Leticia Nóbrega e Gipse Montenegro prestigiando Larissa Borges na festa da Revista Versailles

w NOVAS ESTRATÉGIAS

DeSaboya.com

O empresário da Farmafórmula Júlio Maia volta hoje de São Paulo cheio de novidades. >>> Ele fez viagem para se reunir com empresários e traçar estratégias do

Kivia Chacon, Rejane Pessoa, Thiago Galvão e Annie Azevedo na festa da Millenium

segmento magistral para os próximos anos. >>>

w ERROU FEIO Não foi só em Natal que a Consult se equivocou sobre o resultado das eleições. >>> Em Lagoa Salgada, pequeno município do agreste potiguar, com pouco mais de 8 mil eleitores, o Instituto errou feio. >>> Em duas pesquisas que realizou, para consumo interno da coligação, foram indicados resultados que apontavam maioria para a reeleição do Prefeito superior a 1.500 votos. >>> Apurados os sufrágios, a decepção: a vantagem não foi além dos 40. >>> A última sondagem ocorreu a 15 dias do pleito.

A Farmafórmula é genuinamente potiguar e possui mais de 60 lojas

Eudo Leite, Manoel Onofre, Cesar Mattar e Fabiano Silveira na abertura do Congresso Nacional dos Procuradores do Trabalho

espalhadas pelo Norte, Nordeste, Centro-Oeste e Sul do Brasil. Cedida

w DOMINGO DE FESTA E no domingo pós-eleição...

...a família Ferreira de Souza não comemorou apenas a vitória do prefeito eleito em Currais NovosVilton Cunha... >>> É que Letícia Galvão Ferreira de Souza comemorou aniversário e reuniu aliados do filho-deputado Ezequiel Ferreira em almoço na residência da vice-prefeita Milena Galvão naquele município. >>> Com direito a muitos brindes!

w CEGONHA EM TEMPOS DE ELEIÇÃO... Mesmo que esteja morta de feliz com a vitória em Mossoró... >>> ...nesse momento o dengo da governadora RosalbaCiarlini é com afilha Lorena, que está grávidíssima e já sabe que uma nova herdeira está a caminho. >>> Nas rodas familiares, o assunto em pauta é nome da nova neta.

Festa de Letícia Galvão Ferreira de Souza, que comemorou o niver reunindo aliados do filho-deputado Ezequiel Ferreira em almoço na residência da vice-prefeita Milena Galvão

w FALANDO EM GRAVIDEZ... ...a imprensa deixou passar despercebida a detenção da deputada Larissa Rosado em Mossoró no domingo dia da eleição. >>>

A SimTV obteve a informação exclusiva, durante a cobertura de mais de sete horas ao vivo, do secretário de Segurança do Estado, Aldair da Rocha, que contou que a detenção ocorreu durante caminhada da então candidata em

um bairro do município. >>> O que salvou Larissa na hora do caos foi o bebê que ela espera... >>> A Justiça e a Polícia deixaram passar...

Casa Escola promove ações solidárias durante Jogos Internos ALÉM

DAS COMPETIÇÕES, JOGOS CONSCIENTIZAM ALUNOS SOBRE TEMAS COMO COOPERATIVISMO E RECICLAGEM Wellington Rocha

Davi Cunha: “Gosto de jogar, mas também aprendi a trabalhar com material reciclável

Com o intuito de promover a conscientização dos alunos quanto à solidariedade e ao cooperativismo, o Instituto Educacional Casa Escola promove na edição deste ano dos jogos internos (JIECE) atividades que vão além de disputas esportivas. Os jogos envolvem alunos do Ensino Fundamental I e II. De acordo com a diretora da escola, Priscila Griner, apesar de os jogos internos serem um momento de descontração, é uma oportunidade de ensinar princípios importantes para a formação dos alunos. "Os Jogos Internos são momentos marcantes, pela competição saudável, pelas vitórias, pela conquista das medalhas e pela diversão. Mas não fazemos dos jogos apenas uma competição, ensinamos através deles que a vida tem altos e baixos e que algumas vezes ganhamos e em outras perdemos, e isso é normal. Aproveitamos esses momentos para enfatizar valores morais como o respeito ao próximo, humanização e cooperação, que devem acompanhá-los por toda a vida", disse a diretora.

Os Jogos Internos da Casa Escola, neste ano, tem o tema "Sustentabilidade" e por isso envolve competições de reciclagem, nas quais os times montaram mascotes com materiais recicláveis e também arrecadaram materiais recicláveis, atividades que contaram pontos para as equipes, ajudando-as a vencer os Jogos. Para o aluno Davi Cunha, do 2º ano do Ensino Fundamental I, ter outras atividades além dos esportes é muito educativo e interessante. "Gosto de jogar, de ganhar medalhas, é muito legal. Mas também estou aprendendo muitas coisas aqui. Aprendi que não podemos jogar nada fora, e que dá pra transformar tudo em brinquedo, até aprendi a fazer um jogo de damas com material reciclável e carrinhos também. É legal ajudar a natureza e o meio ambiente em que vivemos", disse Davi. A Casa Escola tem em sua grade curricular, uma série de atividades que envolvem atividades sociais e preservação do meio ambiente dentro e fora de suas instalações. Uma ação significativa rea-

lizada na escola foi a campanha da Garrafinha, na qual os alunos foram incentivados a trazer de casa suas garrafas para beberem água. Com essa iniciativa, só este ano a escola reduziu de 18 mil pra 2 mil o uso de copos descartáveis. Além das atividades ecológicas, a Casa Escola organizou uma ação solidária envolvendo todos os alunos e professores. Todos os anos, durante os Jogos Internos, a Casa Escola escolhe uma instituição para ajudar com doações. Este ano a instituição escolhida foi a HATMO Instituição voltada para a Humanização e Apoio ao Transplantado de Medula Óssea. Foram arrecadados objetos, calçados, roupas, livros e brinquedos, como parte da competição saudável e todos os alunos aprenderam o valor à importância de ajudar o próximo. A aluna Ana Carolina Nunes, do 3º ano, ficou entusiasmada com o fato de poder ajudar crianças que precisam . "Separei umas 10 sacolas com minhas coisas para doar. Eu estou aprendendo que é importante

ajudar os outros. Tem crianças que não podem comprar, e que estão doentes e tristes. Por isso é bom ajudá-las para elas ficarem felizes", disse a pequena Ana Carolina. Os Jogos Internos da Casa Escola começaram ontem (8) e seguem até o próximo dia 11 de outubro e ao seu término as doações serão entregues na HATMO. SOBRE A HATMO A instituição de Humanização e Apoio ao Transplantado de Medula Óssea do RN oferece apoio aos pacientes encaminhados para Transplante de Medula Óssea, desde o diagnóstico inicial até a finalização do seu tratamento, bem como seus familiares, prestando apoio emocional e social, desenvolvendo políticas públicas e projetos que tragam benefícios ao paciente em tratamento e realizando campanhas para cadastros de doadores voluntários de medula óssea na Rede Nacional de Doadores de Medula Óssea (REDOME). Mais informações pelo telefone 3217-6491.


Cidade

Terça-feira

Natal, 9 de outubro de 2012

O Jornal de HOJE 13

Cena Urbana VICENTE SEREJO - serejo@terra.com.br w TEMOR - I Os defensores da candidatura de Carlos Eduardo temem que a direção central do PT fique de fora das lutas entre dois correligionários. Como em Natal que reúne PT e PSB de um lado e PMDB do outro. Será ruim. w PERDA - II Carlos Eduardo, nesta hipótese, será o perdedor por ter acesso e crédito junto ao PT. Qual o tamanho do eleitorado não petista que votou no PT por rejeitar Carlos e Hermano? E para o PT, vale à pena insistir? w PERDA A Câmara Municipal vai sentir a falta do médico Enildo Alves. De suas posições claras, das suas ideias e da sua inteligência exercida com um destemor sereno. Pagou o preço, talvez, de ter sido um micarlista. w CICLO O efeito midiático da professora Amanda Gurgel cumpriu a última etapa. Do gesto aos 32 mil votos que geraram o fenômeno. Ou tem uma atuação forte e coerente na vida real ou será apenas um fato episódico. w CLICHÊ Como foram superficiais, para não dizer rasas, as análises dos nossos cientistas políticos. Moldados numa forma palavrosa e complicada de formulação, nada acrescentaram aos telespectadores. Uma clicheria só. w EFEITO É como dizia, ontem, um caboclo chegado a política: 'Se os erros vergonhosos das pesquisas amansarem o pedantismo de alguns gênios da estatística, nesta Aldeia Velha de Felipe Camarão, já será muito bom'. w VAGA Aprovada no teste de empenho e dedicação, a prefeita Fafá Rosado pode ser a próxima conselheira do TC em nome de Mossoró. Ou então, se desejar, indicar seu marido, o médico e deputado Leonardo Nogueira.

N

AVISO - II

ão será mais fácil a tarefa do candidato Hermano Morais, ao longo do segundo turno, só porque tem ao seu lado o acervo de votos do senador Garibaldi Filho e a estrutura política do deputado Henrique Alves. Se não lhe falta lastro, pode lhe faltar discurso. Vai às ruas, queira ou não, como um candidato do governo. E é nessa condição, herdando um desgaste superior a setenta por cento de desaprovação, que vai levar ao eleitor natalense, hoje marcado pela descrença, que pode realizar suas promessas de campanha. Claro que o PMDB, até como adversário do DEM, vai tentar o escapismo de não responder pelo desgaste do Governo Rosalba Ciarlini, mas esse passe de mágica não será tão fácil. Garibaldi Filho não só apóia como tem auxiliares no governo; e o Henrique Alves, depois de desmentir sua adesão ao governo, inclusive, à época, esta coluna, acabou aderindo à governadora em nome do argumento da defesa heróica do desenvolvimento Rio Grande do Norte, assim como fez quando aderiu à prefeita Micarla de Sousa. Não será fácil, portanto, para Hermano Morais, não ser um emblema carimbado de candidato do governo Rosalba Ciarlini. E o seu contendor, Carlos Eduardo, já assinalou esta percepção ao tratá-lo na primeira entrevista encerrado o primeiro turno, como governista. Ele sabe o que representa, numa Natal duplamente traumatizada, arrastar a condição de aliado e apoiador das gestões de Micarla de Sousa e Rosalba Ciarlini. E é essa carga que a agora lhe vai ser jogada sobre os seus ombros nas telas da tevê.

Mesmo com um currículo pessoal sem vexames e fiel ao seu partido, o candidato Hermano Morais sabe que a história do PMDB no Rio Grande do Norte não é de coerência política e muito menos de uma postura ideológica de oposição. Tem sido sócio poder, nos Palácios Potengi e Felipe Camarão, e dividido, com sem-cerimônia, as benesses de espaços administrativos. Agora mesmo, acumula os papéis de aliado do PT em Brasília e do DEM no Rio Grande do Norte, mesmo que sejam partidos excludentes entre si. Este é o principal desafio do candidato Hermano Morais de quem não se pode negar a ficha limpa. Como atrair o apoio do PT se é aliado do DEM que faz cerrado combate de oposição à presidente Dilma Rousseff? A intervenção vertical e desastrosa como em Mossoró? Como, apesar de sua história inegável de lutas democráticas, irá atrair os partidos de esquerda que, embora pobres de votos, pelo menos dariam uma tintura indispensável de arejamento e de visão progressista, para não dizer modernidade política? Sem candidato de governo e oposição, portanto, sem a polarização que norteia um velho estilo de disputar o poder que estabelece o maniqueísmo na luta do bem contra o mal, o natalense é hoje um eleitor que já não pode confiar cegamente nas pesquisas nem nas palavras dos candidatos. Vai precisar pesar e sopesar, com serenidade, cada fala e cada gesto, assim como cada candidato também não saberá se sairá do combate vitorioso ou derrotado. As pesquisas nada garantem e o silêncio dos eleitores é um enigma.

> DVD: BLUES

O Grande Encontro uma música de Waters. As imagens são simples, diretas, objetivas. O pequeno pub e a época da filmagem revelam um palco superlotado, ao mesmo tempo em que garçons atendem às mesas. A atmosfera da jam session é contagiante. É nesse improviso que está o ponto forte de "Checkerboard...". Com cigarros na boca, Richards e Wood trocam olhares de deslumbre. Assim como a banda de 'Águas Lamacentas', que em vários momentos suplanta a presença dos astros do rock - sobretudo o guitarrista John Primer. O DVD inclui um CD com cinco músicas a menos que a exibição original, mas certeiro com o que de melhor foi tocado pelos gênios naquela noite - dois anos antes da morte do bluesman.

w ALIÁS - II O jornalismo obsequioso é a epidemia que hoje destrói o princípio enriquecedor do exercício jornalístico. E é na televisão, principalmente, que está a sua perda de tensão. O amador faz da entrevista uma diversão. w PIOR - III A tal ponto o ato de entrevistar deixou de ser uma procura que agora tanto faz assistir a uma entrevista na tevê e ou nos programas eleitorais. A posição dos entrevistados é do mais absoluto e agradável conforto. w DESTINO - I Natal caminha para assistir a uma disputa forte, mas atípica: os candidatos não querem representar os governos. Um se declara oposição com o apoio Federal. Já o outro, nega o apoio que recebe do Estadual. w ESTÉRIL - II É uma deformidade que nasceu da política de acordos das forças conservadoras, confinando a retórica de oposição a pequenos partidos. Não haverá no segundo turno disputa adversária e muito menos ideológica. w PIOR - III Edulcorados pelo marketing, suas falas não nascem do espírito público e da consciência coletiva, mas da capacidade de repetir, na tela e no palco, um simples rol de objetivos e metas que só decoram e repetem.

Sistema virtual é implantado em escolas estaduais

CONRADO CARLOS - ccpsilva@hotmail.com

também icônico Buddy Guy (que canta e toca gaita em algumas músicas da noite maravilhosa). Waters e banda no palco, "Sweet Little Angel", "Flip Flop And Fly", "You Don't Have To Go" nos amplificadores, até que chegam os cabeludos e suas groupies, que se acomodam na mesa diante do palco, como convidados ilustres que eram. Um litro de uísque é sacado para normalizar Richards e Wood, os junkies da trupe. A sequência é arrasadora. Todos estão meio abobalhados, com tantas estrelas em volta. Afagos entre a velha e a jovem guarda demonstram o quanto de admiração mútua existia ali - creio ser desnecessário dizer que o nome Rolling Stones foi inspirado em

w ATENÇÃO - I A predominância do jornalismo obsequioso – que tem medo de perguntar e ainda esconde o medo na falsa delicadeza – tem castrado a técnica de testar a coerência e boa consistência das ideias de cada candidato.

> SIGEDUC

Musicomania

Em tempos de comemoração de cinquenta anos do primeiro show dos Rolling Stones e do primeiro compacto dos Beatles, "Love Me Do", o leitor da coluna tem uma simples missão para esta semana: entrar em qualquer loja virtual e comprar urgentemente o DVD "Checkerboard Lounge - Live in Chicago 1981". É nada menos que uma apresentação histórica de Muddy Waters (1915-1983) acompanhado por Keith Richards, Mick Jagger, Ron Wood e Ian Stewart. No auge dos shows gigantescos, os quatro Stones tocaram três noites seguidas na terra do blues eletrificado, como parte da turnê "Tattoo You". Uma folga na agenda fez com procurassem o ídolo para uma brincadeira no clube que pertencia ao

w OUTRA A vaga do conselheiro Valério Mesquita que atinge a compulsória este ano, será indicada pelo plenário da Assembléia Legislativa, onde há deputados desejando. Até início do ano sobe a esperada fumaça branca.

CHECKERBOARD LOUNGE LIVE IN CHICAGO 1981 Artista: Muddy Waters e The Rolling Stones Gravadora: ST2 MUSIC Preço médio: R$39,90 (CD + DVD)

Com o objetivo de possibilitar aos alunos, professores, gestores e familiares o acesso aos recursos e às informações relacionadas às rotinas escolares, está sendo implantado em escolas estaduais do Rio Grande do Norte, o Sistema Integrado de Gestão da Educação Pública (SIGEduc). Baseado no Sistema Integrado de Gestão de Atividades Acadêmicas (SIGAA) da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) que oferece diversos recursos à comunidade acadêmica, o SIGEduc será utilizado inicialmente para realização de matrículas para o ano letivo de 2013 nas escolas estaduais de Natal. Mas até 2014, o sistema estará em funcionamento nas unidades de todo o Estado disponibilizando serviços online, pelos quais o aluno terá acesso às suas notas e freqüências, aos conteúdos curriculares e poderá, ainda, interagir com os professores e alunos da turma, entre outras atividades. No último dia 1º de outubro, todas as escolas da rede estadual de Natal começaram a ter acesso ao SIGEduc. Nesta primeira etapa, as escolas estão disponibilizando dados sobre a quantidade de vagas e turmas que serão abertas em 2013, pois a partir do próximo dia 22, o período de matrículas para os alunos portadores de necessidades especiais será iniciado. De acordo com a secretária de Estado da Educação (Seec), Betania Ramalho, o SIGEduc possibilitará um revolução na estrutura educacional do Estado. "O sistema é um dos mais eficientes do País, no que diz respeito a rotinas pedagógicas de instituições educacionais. Sua implantação vai promover uma mudança expressiva na gestão educacional interativa entre professores e alunos, pois ambos estarão assistidos além da sala de aula, respectivamente", disse Betania Ramalho. Dentre os principais benefícios do Sistema Integrado de Gestão da Educação Pública, (SIGEduc) estão a transparência e acesso aos dados escolares, disponibilização de dados sobre a vida escolar do aluno e perfil dos professores por escola, organização das turmas de alunos por série e

Herácles Dantas

Secretária de Educação Betânia Ramalho modalidades de ensino, vagas disponíveis por escola, reordenamento e integração de alunos, comunicados e acesso aos dados e mapas de localização das escolas da rede e acesso ao aplicativo Diário de Classe, que também estará disponível para tablets. Para a coordenadora de informática da Seec, Ana Paula Oliveira, o SIGEduc vai melhorar a qualidade da gestão escolar. "Trata-se de um novo modelo de gestão que vai oferecer aos alunos e professores maior qualidade nos dados disponibilizados, além de informações mais vivas e constantemente atualizadas. É uma ferramenta de grande importância para estruturar a educação básica por meio da tecnologia", disse Ana Paula Oliveira. Gestores e técnicos das escolas estaduais de Natal passaram por treinamento do sistema durante todo o mês de setembro e agora este treinamento também será dado nas escolas do interior do Estado. Até 2014, SIGEduc estará em funcionamento nas escolas de todo o Estado. Idealizado pelo Governo do Estado, através da Secretaria de Educação, e financiado pelo Ministério da Educação (MEC), o projeto foi customizado e desenvolvido pela UFRN, que cedeu os direitos para que o software fosse utilizado na Educação Básica. O Sistema Integrado de Gestão da Educação Pública, (SIGEduc) é um projeto pioneiro no País e vai servir de base para que o Ministério da Educação possa implantá-lo futuramente em outros estados.


Cidade

Natal, 9 de outubro de 2012

14 O Jornal de HOJE

Terça-feira

Direito Vivido

Movimento dos Navios APRONIANO CÉSAR

RIBAMAR DE AGUIAR (ADVOGADOS ASSOCIADOS) - ribamar@ribamardeaguiar.com.br / www.ribamardeaguiar.com.br

Julgamentos pendentes Apesar de já terminadas as votações do primeiro turno das eleições municipais de 2012, a Lei de Ficha Limpa ainda pode alterar o resultado dos pleitos. Candidatos que sejam considerados inelegíveis pela Justiça Eleitoral, mas que tenham sido eleitos no último domingo, terão os votos anulados. Caso esses correspondam a mais da metade dos votos válidos, o Tribunal Regional Eleitoral local tem até 40 dias para organizar novas eleições. O Tribunal Superior Eleitoral tem mais de 2 mil recursos de candidatos contra impedimentos da Lei Complementar 135, a Lei da Ficha Limpa. A previsão é do artigo 224 do Código Eleitoral, como explicam especialistas ouvidos pela Consultor Jurídico. "Se forem ventilados os incisos da Lei da Ficha Limpa nas condenações contra os candidatos eleitos no último do-

mingo, assumem os segundos colocados", explica Thales Tácito Cerqueira, professor e promotor de Justiça e Eleitoral em Minas Gerais. A não ser que a soma de votos nulos ultrapasse os 50%. É a Lei Orgânica Municipal quem regula o tipo de eleição que será aplicada nesses casos. Se ela nada disser, a regra é que se o mandatário for cassado nos primeiros dois anos de mandato, a nova eleição será direta. Já se for na segunda metade do mandato, o pleito será indireto, diz o procurador do estado de Pernambuco Walber de Moura Agra, professor da Universidade Católica de do estado. "O artigo 224 se aplica aos casos em que os fatos enquadrados nos incisos e alíneas da Lei da Ficha Limpa ocorrem posteriormente ao registro da candidatura", explica. A contestação ao registro das

candidaturas é o principal motivo de processos contra candidatos na Justiça Eleitoral, como conta Cerqueira. "As Ações de Impugnação de Registro de Candidatura respondem por 80% dos casos", estima. Protocoladas por partidos ou pelo Ministério Público Eleitoral, são elas que questionam o fato de o candidato ter "ficha suja" e não poder concorrer, com base na Lei da Ficha Limpa. "Porém, no caso de condenação nessas ações, aplica-se o artigo 16-A da Lei 9.504". O dispositivo prevê que os votos sequer sejam computados, o que, na opinião do promotor, tira a aplicação do artigo 224 do Código Eleitoral, que determina nova votação. Mas para Agra, é difícil que ainda haja impugnações aos registros de candidatura por julgar. "Os tribunais regionais eleitorais têm que julgar essas ações até 45 dias antes das eleições", diz.

CONTAGEM REGRESSIVA: faltam 13 dias para grande exposição dos 80 anos do Porto de Natal na Capitania das Artes NATAL Navio Lagoa Carioca Lagoa Paranaense Gemini Marta Marfret Marajó CMA-CGM Herodote CMA-CGM Platon Silver Cloud

Bandeira Brasil Brasil Brasil Brasil França United King United King Bahamas

Almi Star

Libéria

Agência W. Sons W. Sons W. Sons Petrobras W. Sons CMA-CGM CMA-CGM Superservice

um aeroporto brasileiro. A prisão motivou o ato de deportação, que lhe deu prazo de oito dias para deixar o país. Após ser notificado, ele ajuizou ação na Justiça Federal pedindo a anulação do ato administrativo de deportação emitido pelo chefe da Divisão de Imigração do Ministério das Relações Exteriores. O estrangeiro obteve tutela antecipada para permanecer no país e ficou aguardando a sentença de primeiro grau.Em abril de 2011, foi julgado o caso, e a deportação considerada legal. A sentença levou o autor a recorrer ao tribunal. O relator do caso na corte, desembargador federal Fernando Quadros da Silva, decidiu pela reforma da decisão. Segundo Silva, deve ser aplicada ao caso legislação brasilei-

Petrobras

Destino ---Cabedelo(PB) Algecira/ESP Algeciras/ESP Algeciras/ESP Recife(PE)

Carga Em Operação Em Operação Em operação -Contêineres Contêineres Contêineres --

Descarga ---Combustível ---Turismo

No Porto

Salvador (BA)

Óleo Cru

--

Sal

--

TERMINAL SALINEIRO DE AREIA BRANCA - RN Manna

Dia 09 10

Malta

A. Marítima 13/10

TÁBUA DE MARÉS Hora Altura (M) 17:32 0.9 23:43 1.8 06:15 0.7 12:32 1.8

ra que impede a expulsão de estrangeiro quando este tiver filho brasileiro que esteja sob sua guarda ou dele dependa economicamente. "Deve-se por em prevalência o interesse do menor, visando a garantir à criança o direito de assistência afetiva e moral", afirmou o desembargador. Para o desembargador, também deve-se observar o artigo 5º da Constituição, que inclui estrangeiros residentes no país, dando-lhes direito ao contraditório e à ampla defesa e garantindo-lhes que não serão considerados culpados até o trânsito em julgado da sentença penal condenatória. "A autuação em flagrante do autor não pode ser considerada como maus antecedentes, tendo em vista que ainda não foi concluído o processo penal ao qual responde", ressaltou.

Cooperativas & Negócios Jornalista Responsável: Gil Oliveira (gilbamar@gmail.com)

Chegada No Porto No Porto No Porto No Porto 13/10 20/10 27/10 08/12

TERMINAL OCEÂNICO DE UBARANA - GUAMARÉ - RN

Direito do menor Um cidadão natural da Tunísia, com nacionalidade francesa, que teve o visto de permanência cassado e pena de deportação emitida pelo Ministério da Relações Exteriores, poderá ficar no Brasil por ser pai de uma criança brasileira. A decisão, proferida em julgamento na última semana, é da 3ª Turma do Tribunal Regional Federal da 4ª Região e reformou sentença de primeiro grau. O estrangeiro está há 12 anos no Brasil e mora em Joinville (SC), onde tem uma empresa de funilaria e pintura de veículos. Ele vive em união estável com uma brasileira, com quem tem um filho, e tinha permissão para ficar no país até este ano (2012), mas foi preso em flagrante em 2008, carregando 14 mil euros não declarados na zona alfandegária de

apronianocfs@hotmail.com

Exportação

A PROGRAMAÇÃO É CHECADA DIARIAMENTE, PODENDO HAVER ANTECIPAÇÃO OU ATRASO DE ALGUM NAVIO

FASES DA LUA Minguante (08/10 - 04:33h) Nova

(15/10 - 09:02h)

Crescente

(22/10 - 00:32h)

Cheia

(29/10 - 16:49h)


Esporte

Terça-feira

Natal, 9 de outubro de 2012

O Jornal de HOJE 15

Fotos: Wellington Rocha

Arena América começa a ser construída segunda-feira PRESIDENTE DO AMÉRICA, ALEX PADANG, CONFIRMA QUE AS OBRAS DA ARENA AMÉRICA COMEÇAM ATÉ SEGUNDA-FEIRA. HOJE A TARDE, NA SEDE SOCIAL, ACONTECE A ASSINATURA DE CONTRATO COM A CONSTRUTORA. A PREVISÃO É QUE EM OITO MESES O ESTÁDIO ESTEJA PRONTO O sonho vai sair do papel. Depois de muitos desenhos, maquetes, idealizações, reuniões, projetos e desilusões, o América, enfim, assina hoje com a construtora que será responsável por erguer em concreto um sonho de papel. Às 17h o contrato será assinado na sala da presidência, na sede social da Rodrigues Alves, com a presença do presidente do clube, Alex Padang, diretores e da imprensa. A expectativa é de que até segunda feira as máquinas já estejam em Parnamirim, no CT alvirrubro, local que já recebeu a primeira fase de obras de terraplenagem. "Estamos assinando inicialmente um projeto para 11 mil pessoas e que será construído modularmente. Começamos pelas arquibancadas da frente e os camarotes. A partir do momento que formos construindo vamos analisar financeiramente as necessidades e possibilidades. Hoje é um dia muito importante e assinaremos esse contrato. No máximo até segunda as máquinas estarão moendo em nosso CT",

afirma Alex Padang. Por enquanto o presidente prefere não falar em valores relacionados ao investimento. "Inicialmente não quero falar em valores de investimentos, porque ainda estamos fechando alguns detalhes que estão pendentes. São duas etapas financeiras que preciso esperar um pouco mais. Tem a parte de pré moldado e outra de acabamento", explica. Porém, ele já antecipa que a primeira previsão para entrega do estádio é de oito meses. "Deram um prazo final desde que a gente tenha o dinheiro total. Se todos os recursos estiverem programados e derem certo como estamos prevendo em oito meses teremos o novo estádio. Vamos analisar o cronograma com calma. Pode até ser que possamos jogar já o Campeonato Potiguar no novo estádio. Tudo depende de decisões estratégicas", completa Alex Padang. A assinatura do contrato põe um fim a uma série de especulações que surgiram em relação a novas possibilidades estudadas pelo clube

para viabilizar um local definitivo para mandar seus jogos. A construção do estádio parece questão de honra. "Eu já deixei de cumprir alguma palavra minha? Nunca deixei", rebate Alex ao ser questionado sobre o momento histórico vivido pelo clube. "Ainda não caiu a ficha direito. Eu já tive três reuniões antes das 9h da manhã todas sobre futebol. Não tive tempo ainda de sonhar. Eu sou muito emotivo e essa emoção só vou sentir de verdade quando a arquibancada começar a subir e eu vir os primeiros degraus. Por enquanto é trabalho. E muito trabalho", completa Alex Padang. Além da assinatura de contrato programada para hoje, o América vive outro dia importante amanhã, onde serão discutidas as ações para a reta final deste ano e o planejamento para 2013. Para essa reunião estão sendo convocados os diretores, conselheiros e torcedores. "Estão todos convidados. Conselheiros, sócios ou qualquer torcedor munido de 10 Timemanias. Vamos

discutir sobre o planejamento para o final de 2012 e o que pretendemos para 2013. Essa é a hora do torcedor falar. Quem não for, não pode reclamar depois. Vamos inclusive discutir sobre a reforma do Estatuto do clube. Tenho a sugestão que precisa ser avaliada por todos para que o sócio torcedor tenha direito a voto nas eleições para presidente", finaliza Alex Padang. Estarão presentes, além do presidente, o vice Paulinho Freire, o presidente do Conselho Deliberativo, Dr. José Rocha, o técnico Roberto Fernandes, o capitão do time rubro Edson Rocha, além de um representante da comissão da Arena América e do Sócio Dragão. Ao final das apresentações, serão escolhidas 20 perguntas dos participantes para que sejam respondidas pelos representantes do clube. A expectativa de Alex Padang é que a torcida lote o salão da sede social como tem feito em outras ocasiões. A reunião de amanhã acontece a partir das 19h30 no salão principal da sede social.

“Até no máximo segunda-feira as máquinas estarão moendo em nosso CT”

> ABC

ADRIANO PARDAL VOLTA, ÉDERSON FORA O ABC volta a ter problemas para formar o ataque titular para enfrentar o Atlético Paranaense na próxima rodada do Campeonato Brasileiro da Série B. Na próxima sexta-feira o desfalque principal fica por conta do atacante Éderson, que por ter vínculo contratual com o próximo adversário alvinegro, fica de fora do jogo. A boa notícia para o técnico Ademir Fonseca é o retorno de Adriano Pardal, que na última rodada diante do Vitória também deixou de atuar por este mesmo motivo. Com a reapresentação do grupo ontem, começa então a saga de Ademir para encontrar o substituto ideal para Éderson. Diego Clementino e Rodrigo Silva são as opções. Com características diferentes, os jogadores oferecem ao treinador variedade de opções para sua escolha. Diego Clementino é meia atacante, tem mais mobilidade e um estilo mais próximo ao de Éderson, apesar de não ser um finalizador tão eficiente. Já Rodrigo Silva é centroavante, joga mais fixo, o que pode mudar o estilo de jogo do ABC. Quem voltou a aparecer pelo CT alvinegro foi o atacante Elionar

O atacante Adriano Pardal, artilheiro do ABC na Série B, está de volta e confirmado para enfrentar o Atlético Paranaense. Éderson, que por ter vínculo contratual com o próximo advers��rio , fica de fora do jogo Bombinha. O jogador realizou uma cirurgia no joelho e começou o processo de recuperação. Sem poder atuar até o final da temporada, Bombinha terá um grande percurso a percorrer entre fisioterapia e readaptação física. A expectativa

é que volte aos gramados no início da próxima temporada e já longe do ABC. Até o jogo da próxima sextafeira Ademir Fonseca também terá que resolver quem é o dono da vaga de titular no sistema defensivo, já

que Vinicius cumpriu suspensão. Porém, Gladstone pode ser mantido ao lado de Flávio Boaventura. Para a vaga de Serginho, que recebeu terceiro cartão amarelo, Bileu está confirmado. Jogando em casa o ABC espera

Gabriel Negreiros GABRIEL NEGREIROS - gabrielnegreiros@gmail.com - twitter: @gabrielnegreiro SAI DO CHÃO O América assina na tarde de hoje o contrato para construção do seu próprio estádio. 11 mil lugares na primeira fase que pode ser finalizada em até oito meses. Há ainda a possibilidade de que uma área seja liberada já para os jogos do Campeonato Potiguar. Demorou, mas vai sair. Entre as discussões levantadas nessa etapa, uma ficou muito evidente. A da possibilidade de se manter em Goianinha até que o Arena das Dunas ficasse pronto. Assim o clube não precisaria investir tanto dinheiro na construção de um estádio e utilizaria um com grande estrutura posteriormente.

são os patrocínios fixados nas camisas de Bahia e Vitória e nada para o futebol potiguar. A Federação Norte-Riograndense de Futebol também já reclamou a respeito do assunto. Já procurou a empresa diversas vezes e que não há interesse de participar do processo. Tenho informações que eles se comportam como se estivessem fazendo um favor ao construir o estádio. Que fique muito claro que não estão. Eles serão pagos e muito bem pagos. Se não forem, tem uma série de bens do Governo que estarão penhorados a disposição. São tantos que talvez seja melhor para eles que o Governo realmente não pague nada.

OAS PARCEIRA? NÃO MESMO! Essa parceria com o Arena das Dunas não vai acontecer. Já deu pra perceber que a OAS não é, e não quer, parceria com os clubes do Rio Grande do Norte, nem muito menos com o futebol potiguar. Uma prova clara disso

SÓCIO DO CLUBE, NÃO DOS INGRESSOS América e ABC têm algo parecido em seus sistemas de sócios. Não é correto afirmar que os associados são "sócios do clube", eles são sócios do futebol. Aliás, melhor ainda, eles são sócios dos ingressos. São compradores an-

tecipados. Os "clubes" não existem mais. Deveriam existir. Que sócio torcedor não gostaria de ter direito a frequentar um clube de verdade? Com áreas para práticas esportivas, escolinhas de várias modalidades, atividades nos finais de semana, restaurantes, entre outros? O América pode fazer isso em Parnamirim. O ABC hoje mantém o CT das categorias de base em um dos terrenos mais caros de Natal, que poderia muito bem servir como moeda de troca para outra estrutura mais ampla, com mais possibilidades de recursos e que atenda os jovens atletas ainda melhor. A decisão de erguer seu próprio estádio faz com que o América consiga agir com suas próprias forças. Não ficará refém dos "donos" da Arena das Dunas. Também não terá que jogar tão longe de Natal como faz hoje. Além disso, faz com que o clube vislumbre novamente a possibilidade de criar no entorno do estádio e do CT uma estrutura que

contar com o apoio do torcedor e novamente faz promoção de ingressos. O Sócio em dia poderá comprar mais dois acessos por 10 reais. "Mesmo sabendo que será um jogo bastante difícil, estaremos jogando em nossa casa, com o apoio

PisandonaBola AMÂNCIO

faça com que os sócios voltem a frequentar o clube, como fazia na época da sede social. Essa é uma das alternativas financeiras que ABC e América poderiam investir. Ambos tem terrenos para tal e capacidade de fomentar investimentos. Mas tudo passa por uma decisão estratégica que tem que envolver os Conselhos Deliberativos. SÓCIO QUE VOTA? DUVIDO! Outro fato importante que será tratado amanhã na reunião promovida pelo América é sobre o direito dos sócios votarem para presidente. Essa é uma decisão extremamente importante e que eu defendo. Mas dificilmente passará. Duvido que os "cardeais" americanos permitam que isso aconteça. Aliás, essa possibilidade também já foi levantada no ABC. Não passou. Esse é um assunto que vai para a última gaveta embaixo de todos os papeis. Olhe lá se não for direto para a lixeira.

do nosso torcedor e não podemos pensar em outro resultado que não seja o de vitória. Até porque precisamos pontuar para nos afastarmos ainda mais da zona de rebaixamento", disse o meia Walter Minhoca.

amancionatal@gmail.com / www.chargistaamancio.blogspot.com


16 O Jornal de HOJE

Natal, 9 de outubro de 2012

CLÁSSICOS NACIONAIS NA RODADA A 29ª RODADA DA SÉRIE A REÚNE CLÁSSICOS IMPORTANTES QUE PODEM AJUDAR A DEFINIR A LUTA PELO TÍTULO E ATÉ VAGAS PARA A

LIBERTADORES

Uma rodada repleta de expectativas em relação a disputa pelo título e também por vagas na Libertadores da América. Cinco clássicos nacionais serão disputados nesta quarta-feira entre os oito jogos que compõem a 29ª rodada neste dia. Entre eles, um tem destaque especial e pode praticamente definir caminhos opostos nesta reta final de campeonato. Vasco e São Paulo se enfrentam em São Januário. Quarto colocado na tabela, o time carioca tem quatro pontos de vantagem para o tricolor, que está na quinta colocação. Se vencer, o Vasco abre larga vantagem, se recupera e praticamente faz o São Paulo mudar o foco e se dedicar mais intensamente à disputa da Sul Americana. Mas se o time do Morumbi vencer, a disputa fica ainda mais acirrada e a reta final de competição promete muitas emoções. Entre os líderes também há disputa. O Fluminense é o líder com 62 pontos, seis a mais que o segundo colocado, o Atlético Mineiro. O tricolor das laranjeiras joga fora de casa contra o Bahia, um dos melhores times deste segundo turno e que conseguiu uma grande recuperação na competição. Já o Galo enfrenta outro adversário tradicional, o Internacional, que ainda sonha com uma vaga na Libertadores. O Fluminense tem a possi-

bilidade de abrir até nove pontos ou ver sua vantagem ser diminuída para três. Rodada importante para definir a luta pelo título. Mais dois jogos de extrema relevância no cenário nacional acontecem. O "clássico das multidões" entre Corinthians e Flamengo é um deles. O Pacaembu receberá o espetáculo que reúne os dois clubes de maior torcida no Brasil, mas que vivem momentos complicados na competição nacional. Por ter vencido a Libertadores o Corinthians relaxou no campeonato nacional e é apenas o oitavo colocado. Em 12º com apenas 35 pontos ganhos o Flamengo até que respirou em relação à zona de rebaixamento, mas segue com as indefinições tradicionais e os problemas para encontrar uma formação ideal. O outro jogo é um clássico que já reuniu os maiores craques do passado. Botafogo e Santos já protagonizaram encontros históricos alicerçados por craques como Pelé, Garrincha, Nilton Santos e Pepe. Com realidades diferentes, os times se enfrentam nesta quarta sem contar com seus principais craques. No Santos, Neymar está convocado para a seleção brasileira e é desfalque certo. No Botafogo o goleiro Jefferson também fica de fora pelo mesmo motivo.

Esporte

Terça-feira

Passe Livre RUBENS LEMOS FILHO - r.lemosfilho@uol.com.br

Saber vencer Os minutos sequenciais e os primeiros dias seguintes à apuração dos votos sempre foram terríveis para os perdedores. Para os que sofrem por convicção e paixão cega e os que esperavam uma boquinha de quem fracassou nas urnas. Em Natal, nem tanto, mas no interior, o couro come igual a confrontos tribais entre Rocas x Cidade da Esperança pelos antigos campeonatos de bairro. O pau cantava Bezerra da Silva no areal e o prolongamento do sururu era entre as torcidas. Muitas vezes, cinco ou seis Rádio-Patrulhas da PM desciam cassetetes para estabelecer a ordem e os bons costumes. Os valentões mais afoitos recebiam outros afagos na Delegacia de Plantão. Clima de eleição é clima de jogo de várzea ou do antigo Matutão, campeonato interiorano inesquecível promovido pelo decano jornalista Everaldo Lopes. Guerra do começo ao fim. Pior: Depois do fim. Recebo algumas notícias da Tromba do Elefante, o Alto Oeste sublimado no formato geográfico e paquiderme do mapa do Rio Grande do Norte. Houve provocações baratas, tapas trocados entre irmãos e primos, juras de ódio eterno que acabam na primeira cachaçada com galinha de tira-gosto. Ocorre que o humilhado geralmente humilhou antes e o vingativo também. É a hora da desforra do campeonato ou jogo de porrinha como embate eleitoral é tratado nos rincões mais distantes da capital. Não que a capital seja um esplendor de etiqueta e belezura de opinião. De jeito nenhum. O espelho do eleitor de Natal estava trincado pela escolha que fez quatro anos atrás. Melhorou um pouquinho agora, mas ainda restaram excentricidades, para ser politicamente cínico. O ditado antigo do esporte, aquele que diz que é importante saber perder, alfinetada inútil nos despeitados de todas as atividades cotidianas, é uma balela. Saber perder se sabe no gosto imposto. Empurrado pela goela e a alma. Amargo que só Buscopan Composto. Líquido. O que não se aprende é saber vencer, é ter a consciência segura de que mais do que a comemoração, é sumária a limitação da glória. A vitória deveria ser irmã da humildade, sem franciscanismos, mas com grandeza de conduta. Sobram os espíritos de porco. Aqueles que pisoteiam no que resta do vencido arrasado na autoestima. Pior do que a arrogância dos maus ganhadores, é a baba dos asseclas e bajuladores, restos de lixo degradado pela

VENENO De uma alma sebosa ressacada pela apuração dos votos, ainda na tarde de ontem: " Amizade com borboleta é fogo. Matar não mata, mas deselege." Foi estrondoso o cartão vermelho das urnas. O tempo tarda, mas chega. FALCÃO Driblado pela emoção, Passe Livre registra a menção do twitter oficial do craque de futsal Falcão, agra-

decendo a crônica Fique, em homenagem ao último gênio das quadras. SIGNIFICADO O que dirão católicos e evangélicos diante da imagem de Neymar crucificado? É a Capa da Revista Placar. Mais uma bajulação ao menino. Que sabe jogar, mas pensa que joga mais do que joga, auxiliado pelos idiotas do ufanismo. Ninguém quer o mal de Neymar, quer apenas que ele se resuma ao futebol. Sem ciscar.

própria pequenez. São os sabujos, os puxa-sacos, os chalaças, a escória que instiga o líder sem vocação, o craque sem grandeza. É essa malta, versátil ao mudar de lado de acordo com suas conveniências, a erva daninha e imune em cada fanfarra. Saber vencer, como envelhecer, é uma arte. É saber ouvir e ler o que repetia Liedholm, mostro sagrado do time sueco, vice-campeão mundial em 1958, surrado em casa pelo Brasil por 5x2. Antes de morrer, em 2007, cansava-se de responder que nenhum gol ou drible havia sido o seu grande momento no futebol. Liedholm respondia a cada jornalista ou pesquisador: "Nada foi mais inesquecível de que o abraço do gênio Didi após a partida. Ele me disse: Vocês honraram nossa vitória. Didi foi perfeito como craque e como homem." Didi sabia vencer. A vitória e o fracasso estão nas extremidades do bastão da história. Que gira. >>> Cada qual no seu quadrado é o mantra popular a cada dia mais sólido. Ninguém deve se meter naquilo que não entende ou sabe fazer. Médico não constrói estrada, engenheiro nunca foi visto comandando uma cirurgia de alto risco, só em comunicação qualquer anta de dois pés se mete. A bancada de ex-jogadores que se atreveu a disputar voto levou goleada em 2012. Em São Paulo, Marcelinho Carioca pensou em driblar o eleitor como enganava seus marcadores. Tomou ferro. Até o Divino Ademir da Guia, uma entidade viva, perdeu para vereador. Ademir, estilo indecifrável nos gramados vestindo a 10, foi eleito em 2004 por um partido e passou por outros dois, como se fosse um Cafu na polivalência eleitoreira. Dançou. Refinado na meia cancha e chatíssimo fora dela, o meia Jair Prates, do poderoso Internacional dos Anos 1970 e campeão mundial pelo Peñarol em 1982, imaginou estar lidando com os cartolas que o bajulavam a cada renovação de contrato e ameaça de sabotar um Gre-Nal. Perdeu feio para a Câmara de Porto Alegre. Seu desempenho foi mais pífio do que o período em que passou no ABC em 1986. O Príncipe Jajá perdeu a coroa do voto. Seus encantos não seduziram os colorados mais novos. Da lista de ex-boleiros, também foram derrotados: Dinei, Veloso, Robert, Marolla, Donizete Pamntera, Gonçalves, Andrade, Carlos Germano, Roger(exgoleiro do Flamengo), Dinho do Grêmio e seu ex-companheiro Carlos Miguel. Perdeu também a presidente do Flamengo, a nadadora Patrícia Amorim, atual vereadora. O insucesso de Patrícia foi mais festejado pelos rubro-negros do que por vascaínos, tricolores e botafoguenses. Consagração de outro clichê barato: Ninguém engana todo mundo o tempo todo.

ABC MAIS BARATO Sócio em dia tem direito a comprar dois ingressos a 10 reais para o jogo de sexta-feira contra o Atlético Paranaense. Faz um bocado de tempo que o Frasqueirão deixou de ser o alçapão alvinegro para virar recreio de visitante. A conversa tem que mudar. CENTÉSIMO O América busca seu centésimo gol na temporada. Tem ataque para isso. Nos bons tempos,

em junho, no máximo julho, América e ABC já tinham ultrapassado a barreira dos 100 gols. SEGUNDO TURNO Agora, no segundo turno, os gênios devem estar matando neurônios para saber se é bom negócio sair publicando pesquisa a cada 5 minutos. Bom mesmo é o DataUrna. Infalível.

CMYK


Cultura

Terça-feira

Natal, 9 de outubro de 2012

O Jornal de HOJE 17

Fotos: Divulgação

AS ÚLTIMAS NUVENS AZUIS

DA ALAMEDA PRINCIPAL P ROJETO DANIELA PACHECO EDITORA DE CULTURA

“As últimas Nuvens Azuis da Alameda Principal - Nuvem Azul é uma pequena flor que leva essa cor e que está escassa no litoral. Em nosso espaço gastronômico e cultural temos as últimas nuvens azuis da avenida”, explica Gilberto Souza Leão. Com o slogan – O mar virou sertão -, as nuvens se instalaram na avenida principal da praia de Cotovelo, litoral Sul de Natal, com uma rústica e bela fachada de taipa, misturada a um colorido que só o povo do sertão entende. O empresário Gilberto Souza Leão e a jornalista Waleska Maux, idealizadores do projeto, apostam no sucesso da cozinha e da cultura sertaneja no litoral. Ao ser questionado qual teria sido o motivo para fazer este resgate da cultura sertaneja, Gilberto afirma que, “neste pro-

RESGATA A CULINÁRIA E A CULTURA SERTANEJA NA jeto também estou resgatando minhas raízes nordestinas, após tanto tempo fora. Sou descendente de uma família pernambucana que Gilberto Freire sempre se refere em seus livros. E, na área da gastronômica minha família sempre esteve ligada, como exemplo posso citar, a receita do “Bolo Souza Leão” que foi considerado recentemente patrimônio de Pernambuco”. A frase, carregada de poesia, é o endereço do mais novo espaço gastronômico e cultural do litoral Sul, que fica na Av. Praia de Cotovelo, 3017, Cotovelo (sentido de volta para Natal) especializado em comida regional, mais precisamente, sertaneja. “Sem contar o fato de que um grande número de turistas procura a comida típica do interior do nordeste. Estamos oferecendo uma opção de boa comida com qualidade, ao estilo self-service, que é bem aceito pelo público”,

explica o empresário. O cardápio inclui o tradicional arroz de leite, acompanhado de paçoca, buchada de bode, carne de sol, picado de carneiro, galinha caipira, feijão verde e deliciosas iguarias do interior do nordeste. Sem falar na tapioca recheada ao fim da tarde e mais de vinte tipos de cachaças. Em entrevista para O JORNAL DE HOJE, Gilberto Souza Leão, conta que a cozinha é inspirada na culinária de Caicó. “Principalmente, nela. Caicó, além de ser a terra de minha esposa, tem uma das melhores culinárias do nordeste, sem falar no artesanato, como seus bordados. A tradiconal carne de sol é a melhor do Brasil. O arroz de leite, a paçoca, os queijos e a linguiça do sertão se destacam na culinária nacional como uma das melhores comidas típicas regionais”. O salão principal, todo na

taipa, remete a uma casa de sítio e no quintal do restaurante, uma colorida e pequena cidade cenográfica, contendo a réplica de duas casas coloridas e uma igreja, lembrando paisagens das belas cidades do interior. Há também um espaço literário com cordéis, livros e artesanato popular, aliado a doces regionais, como alfenim, mariola, cocada e compotas de doces caseiros. Trata-se da ‘Bodega Tio Paizinho’, numa homenagem a Paizinho Rangel, comerciante e fazendeiro de Caicó-RN, guardião da imagem de Santana durante décadas (após sua morte, foi doada a igreja matriz, pela família). Segundo Gilberto Souza Leão, nesse espaço haverá lançamentos de livros, sarais e monólogos. “Sempre estive envolvido com arte e cultura, desde a criação do Felini em Maceió, em 1998, onde recebiamos

P RAIA

DE

nomes como Paulo e Chico Caruso (cartunista). Já em Belém (PA), proporcionamos ao público os vários ritmos da riqueza musical daquela terra. No Caribe, o Barracuba era uma casa exclusivamente cubana com salsa, merengue e muita cultura e aqui no RN a riqueza do cordel e o talento dos nordestinos terão espaço garantido nas Últimas Nuvens, onde poderão divulgar e vender seus trabalhos para turistas de várias partes do Brasil e exterior, que serão boa parte de nosso público”. O dia da criança e da padroeira do Brasil- 12 de outubrofoi a data escolhida pelo casal para inaugurar a casa. Nada mais justo. As cores do local misturam-se como vários lápis de cores diferentes, num colorido artístico e infantil. A gruta de Sant´Ana faz parte do projeto e se impõe, majestosa, no caminho dos que ali transitam.

C OTOVELO O autor das nuvens - Gilberto Souza Leão é carioca, de família tradicional pernambucana, economista, trabalhou anos na bolsa de valores e teve vários bares e restaurantes pelo Brasil e exterior. Dono de uma alegria contagiante começou a jornada nesse ramo em Maceió, no ano de 1989, com o Fellini, trazendo-o depois para Natal, onde também foi proprietário do animado Coco Beach, em Ponta Negra, sucesso no final da década de 90. Depois disso, abriu estabelecimentos em Cuiabá (Café Odeon), Belém (Maracaibo), voltando a Maceió com o Bye Bar Brasil e ultrapassando fronteiras, abrindo na Itália o Via Brasil e no Caribe, em Isla Margarita, o Barracuba. Retornou ao Brasil e escolheu o nordeste como moradia, investindo por dois anos na Paraíba e agora fixando residência no RN, onde aposta nas ‘Últimas Nuvens´ de sua jornada.

Cultura HOJE DANIELA PACHECO - danipacheco@hotmail.com

com Dani Pacheco

HOJE A Semana da Música 2012 terá nesta terça o Sexteto Potiguar e Potybones, às 18h, e o músico francês Thibault Delor (contrabaixo acústico), às 20h. O evento acontece na Escola de Música da UFRN e a entrada é gratuita. TREM Em comemoração ao Dia das Crianças, a CBTU realizará na quinta-feira, dia 11, mais uma edição do “Trem da Criança”. A iniciativa, desenvolvida pela CBTU há mais de 10 anos, este ano pretende atender cerca de 400 crianças. A programação terá início às 8h, na Estação Natal, localizada na Praça Augusto Severo, nº 302, na Ribeira e contará com apresentações de teatro de bonecos, palhaços, brincadeiras educativas e a distribuição de pirulitos, pipoca, algodão doce e picolé. Às 10h, as crianças embarcarão no trem para um passeio exclusivo com destino à Parnamirim e retorno previsto às 12h.

“ÓLEOS E ACRÍLICOS” De 11 de outubro a 09 de novembro, o artista plástico Francisco Eduardo traz a exposição “Óleos e Acrílicos” para a Galeria de Arte do IFRN Cidade Alta. Sua temática varia com nus artísticos, temas de circo, cultura brasileira e paisagens da cidade de Natal. A vernissage acontece às 19h desta quinta-feira e o horário de visitação é das 9h às 20h. Há 15 anos como artista plástico profissional, o artista natural de Santa Cruz/RN, conta com mais de 50 exposições, dentre elas destacamse as que realizou nas cidades de Aranjuez, na grande Madrid, outra na Galeria Buuf em Amsterdã e na Lauderdale House em Londres, aonde foi premiado. Além de pintor, ilustrador, escultor, desenhista, ainda faz cenários para teatros. Por trás de sua arte, Francisco carrega sonhos e desejos. “Gostaria que minha pintura mudasse um pouco esse mundo injusto que é belo para poucos privilegiados, e acabar com essa hipocrisia e maldade que existe nos seres humanos”, desabafou o artista.

TALENTOS POTIGUARES I Mostra BNB de Dança apresenta dois espetáculos potiguares no decorrer de outubro. O evento que começa hoje, selecionou “Sente-se”, do [Si-La-Bas] C. Dança que conta a história de um casal, juntos há 70 anos, que vive isolado em um farol. Uma grande conferência, por eles organizada, quebra a monotonia cotidiana de suas existências. A chegada dos convidados dá início a um jogo entre o irracional e o racional, entre sonho e realidade. Concepção e direção: Mauricio Motta. Coreógrafos: Anízia Marques e Mauricio Motta. Elenco: Anízia Marques e Mauricio Motta. E, o espetáculo “Pequenas Partes de um Instante”, do Domínio Cia. de Dança que tem como mote principal os pequenos momentos que nos pegam de surpresa, aquele que nos faz ter a representação do que mais nos chama a atenção. O espetáculo é um coro de canto de quem dança. Direção artística: Edeilson Matias. Coreógrafo: Gleidson Vigne. Maitre ensaiador: Francisco Júnior. Elenco: Ana Maria Vasconcelos, Franklin Gadelha, Isadora Duarte, Luciene Medeiros, Monir Herts, Tadeanne Dias, Weller Pinheiro.

DIÁLOGOS CRIATIVOS Na próxima quarta-feira, dia 10, a partir das 19h30, a Casa da Ribeira abre para o segundo Diálogos do selo Ribeira Território Criativo. Desta vez o tema é Patrimônio Histórico e Educação Patrimonial e tem como convidados a Chefe de Divisão Técnica do IPHAN/RN, Luiza Lima, a arquiteta Luana Cruz e o engenheiro civil Ivanilson Soares também do Iphan. Na ocasião os técnicos irão falar sobre o que muda e quais são as ações do IPHAN para o Centro Histórico de Natal, especificamente a Ribeira, e o que envolve a educação patrimonial. O Diálogos Criativos tem entrada gratuita e a participação dará direito a certificado. Mais informações pelo (84) 3211-7710. HORA DA CRIANÇA Nesta terça, às 16, acontece a Contação da história "O abz do Ziraldo", na Livraria Saraiva do Shopping Midway Mall, com entrada gratuita. Informações: 3222 4722.


18 O Jornal de HOJE

Cultura

Natal, 9 de outubro de 2012

Canal 1

BATE-REBATE w A Rede TV! deve anunciar, talvez na outra semana, uma outra decisão administrativa. w Resta saber o que isto irá significar. w Até o “Zorra Total” saiu ganhando com o bom desempenho de “Avenida Brasil” no sábado. w O programa atingiu recorde de audiência, com 27 pontos de média e 53% de participação. w Maurício Mattar continua batendo cartão nos eventos da Record, como na recente festa de lançamento de “Balacobaco”.

POR FLÁVIO RICCO - Colaboração: José Carlos Nery Globo

flavioricco@gmail.com.br

Certeza de sucesso “Guerra dos Sexos”, versão 2012, completou ontem a sua primeira semana de exibição. Quem viu a primeira e agora passou a acompanhar a segunda tem a impressão de estar assistindo a uma outra novela. Evidente que a base central foi mantida, mas também é verdade que o Sílvio de Abreu, como um dos autores mais brilhantes e usando de toda a sua experiência, está conseguindo levar o telespectador no bico. Direitinho. E conta para isso, com a precisa direção do Jorginho Fernando e um elenco que começa com Tony Ramos e Irene Ravache. A “Guerra dos Sexos”, dos tempos de agora, está muito bonita. Livre, leve e solta, gostosa de se ver. Incluindo este que vos fala, a maioria sempre usa de certa cautela em comentar qualquer coisa de uma novela no começo, porque o risco de queimar a língua é sempre muito grande. Os cento e tantos capítulos pela frente costumeiramente recomendam este cuidado. Não é o caso em questão. Por tudo, já se tem a certeza que a Globo vai continuar se dando muito bem neste horário.

w ISORDIL Considerando as exceções conhecidas e de praxe, os resultados das eleições deste último domingo, agradaram especialmente o pessoal do jornalismo em São Paulo. A disputa entre os candidatos Fernando Haddad e José Serra é o melhor que se poderia esperar em termos de fortes emoções. w NO SACRIFÍCIO O “Domingão do Faustão”, ao contrário do que sempre acontece, não foi ao ar ao vivo neste último domingo. A gravação aconteceu no último dia 29, sábado, minutos depois do Fausto Silva receber a notícia do falecimento da sua amiga Hebe Camargo. Difícil. w ERA INEVITÁVEL O que aconteceu sábado em “Avenida Brasil”, na Globo, com o Max resolvendo em um capítulo o que a Nina passou a novela in-

teira tentando fazer, virou piada, claro, nas redes sociais e fora delas. E a “banana”, que o Reginaldo Faria imortalizou nas novelas – “Vale Tudo” em 89/89, também entrou no momento certo. w NÃO É NORMAL Surpreendentemente, e o fato merece registro, “Avenida Brasil”, também no sábado, em função dessa cena do Max, Marcello Novaes, atingiu recorde de participação com 73%. A média foi de 42 pontos. Dados da Grande São Paulo. w BEM LEMBRADO Aqui se falou que “Cheias de Charme” virou “Encantadoras” no mercado latino. Glória Perez lembrou bem que, para o mesmo público, “Araguaia”, do Walther Negrão, se transformou em “Rios Del Destino”. w RITMO NORMAL Ao contrário de “Rei Davi”, marcada por diversos problemas e acidentes, “José – De Escravo a Governador”, em gravação e com estreia em janeiro, até aqui não tem registrado qualquer contratempo nos seus bastidores. Todo o trabalho ocorre de acordo com o planejado. Sem sustos ou pirotecnia. Ou seja, estão todos fazendo a sua lição de casa.

Os sentimentos estão bem divididos nos bastidores de “Rebelde”, da Record. Ao mesmo tempo em que a maioria sente necessidade de descansar, todos lamentam que a hora de se separar está próxima, depois de quase três anos trabalhando juntos. Como informado, a Globo registrou o título “Salve Guerreiro” como uma das opções para a substituta de “Avenida Brasil”, mas acabou optando por “Salve Jorge”. Nessa lista de alternativas, também foi cogitado “Amor Guerreiro” - que ficará à disposição de outras produções. Ficamos assim. Mas amanhã tem mais. Tchau!

TRABALHO ENCERRADO Nathalia Rodrigues, a Natascha em “Gabriela”, encerrou sua participação nas gravações. A atriz, agora no aguardo de um outro trabalho, contou que fazer a personagem foi desafiador por causa do sotaque. “Quando soube que ela era uma russa com sotaque francês me matriculei nos dois cursos e agora já até me arrisco a falar algumas frases (risos)”. Para manter a boa forma de Natascha, a atriz chegou a correr de seis a oito quilômetros por dia.

w PETIT COMITÉ A equipe de “Gabriela” não vai se reunir para acompanhar a exibição do último capítulo, programado para ir ao ar no dia 26. Entre outros motivos, devido ao horário tardio de apresentação. Porém, não está descartado um jantar, mas para poucos, na nova cobertura do autor Walcyr Carrasco, no Rio. w CRESCIMENTO Em Belo Horizonte, a Band Minas está promovendo a ampliação de sua estrutura, com reformas em sua redação e o aumento de estúdios disponíveis. O

HORÓSCOPO Áries 21/03 a 20/04 Tudo mudou de repente da semana passada pra esta. Diversos planetas mudaram de signo, e o cenário astral anuncia novos desafios aos arianos. Um deles é continuar sendo criativo e apaixonado, mas persistente nos intentos.

Leão 22/07 a 22/08 Hoje a Lua abre o dia no seu signo, sinal de emoção à flor da pele. Você pode parecer menos objetivo aos olhos dos outros, mas é porque está seguindo seu ritmo, seu instinto. Por isso, cuide mais de si e menos do mundo.

Sagitário 21/11 a 21/12 Finalmente hoje, com todo seu pique e entusiasmo, você vai ganhar a atenção e o afeto de alguém que tem ideias incomuns. Associações rápidas e pensamento criativo são seus trunfos. Mas resolva assuntos privados, em privado.

Touro 21/04 a 20/05 Dois astros em Escorpião acentuam importância e impacto das relações estáveis nos seus planos atuais. Muita conversa e uma boa dose de honestidade nelas será essencial. Sensibilidade alta quanto à vida familiar.

Virgem 23/08 a 22/09 Vênus em seu signo simboliza o poder do acordo, que hoje está funcionando super bem num campo delicado: o das relações de poder e de controle. Cuidado para não seduzir quem mistura amor com obsessão também.

Capricórnio 22/12 a 21/01 Liberação de energia no campo sutil - dia de fazer um ritual em prol da alegria e da esperança, não apenas para você e sua vida. Cenário astral indica também necessidade de rever seu cotidiano e o que é essencial e urgente ali.

Gêmeos 21/05 a 20/06 Um dia ótimo pra você que está conectado com o ambiente de um jeito fluido e caloroso. Bom golpe de vista e iniciativas corajosas estimulam relações e parcerias. Fácil comunicação convence o parceiro; pensamento original.

Libra 23/09 a 22/10 Com a cabeça nas nuvens, libriano? Sua conexão com os planos sutis está for te hoje. De lá chegam informações e sacadas, algumas por meio dos sonhos. Uma reviravolta positiva e inesperada vem brindar seu dia.

Aquário 21/01 a 19/02 O que será que seu parceiro está querendo de você? Sensível aos apelos do seu bem querer, você pode embarcar num projeto bacana e estimulante com ele. Por exemplo, uma viagem! Meditação e rituais são indicados.

Câncer 21/06 a 21/07 Lua, Marte e Urano anunciam para hoje uma boa notícia no campo financeiro. Como você está ligado no valor do seu trabalho, e bastante criativo, sem dúvida deve confiar no seu instinto e aproveitar o embalo pra resolver pendências materiais.

Escorpião 23/10 a 21/11 Quem nasceu nos primeiros dias deste signo deve se cuidar mais e melhor nesta semana. Ser discreto sobre sua vida pessoal é lema que deveria ser respeitado por todos os escorpioninos. Conversas ou decisões importantes.

Peixes 20/02 a 20/03 Ótimo contato entre Vênus, Mercúrio, Saturno e Plutão orquestram cenário forte para acordos e compromissos com parceiros, sócios e filhos. Visão penetrante, flexibilidade, senso prático são os atributos para vencer uma parada.

CINEMARK 5 - Hora:13:05 / 15:05 (não será exibida Sex, Sáb e Dom) ATÉ QUE A SORTE NOS SEPARE - (14 Anos) MOVIECOM 4 - Hora:14:45 / 17:00 / 19:15 / 21:30 CINEMARK 1 - Hora:13:40 / 16:10 / 18:40 / 21:10; Hora: 23:40 (será exibida somente Sáb) CINEMARK 6 - Hora:15:20 / 17:50 / 20:20; Hora: 23:00 (será exibida somente Sáb)

/ 21:10 CINEMARK 2 - Hora:13:20 / 15:40 / 18:00 / 20:00 BUSCA IMPLACÁVEL 2 - (14 Anos) MOVIECOM 7 – Hora:15:25 / 17:30 / 19:35 / 21:40 CINEMARK 3 - Hora:12:35 / 14:40 / 16:50

CINEMA E AÍ, COMEU? - (14 Anos) MOVIECOM 1 – Hora: 16:30; Hora:14:30 / 16:30 LOOPER-ASSASSINOS DO FUTURO (16 Anos) MOVIECOM 1 – Hora: 19:10 / 21:35 CINEMARK 5 - Hora: 22:10 RESIDENT EVIL 5 - (16 Anos) MOVIECOM 2 – Hora:19:20 CINEMARK 2 - Hora:22:05 OS MERCENÁRIOS 2 - (16 Anos) MOVIECOM 2 – Hora:17:10 NA ESTRADA - (16 Anos) MOVIECOM 2 – Hora:21:25

TED - (16 Anos) MOVIECOM 5 – Hora:19:20 / 21:35; Hora: 17:05 / 19:20 / 21:35 CINEMARK 4 - Hora:16:55 / 19:15 / 21:30; Hora: 23:55 (será exibida somente Sáb)

MY WAY, O MITO ALÉM DA MÚSICA - (14 Anos) MOVIECOM 3 - Hora:16:00 / 21:00

O DIÁRIO DE TATI - (Livre) MOVIECOM 5 – Hora:17:05; Hora: 13:20 / 15:10 CINEMARK 7 - Hora:15:30 (será exibida somente Dom)

E A VIDA CONTINUA... - (10 Anos) MOVIECOM 3 – Hora:14:00 / 18;55

HOTEL TRANSILVÂNIA - (Livre) MOVIECOM 6 - Hora:14:40 / 16:50 / 19:00

w Em comemoração aos 20 anos de palco, Leilah Moreno vai receber os amigos no Teatro Nair Bello, em São Paulo, nos dias 24 e 25. w O show da vez é “Black Diamond”. w Mônica Pimentel, do Artístico da Rede TV!, viajou. Está na Mipcom, em Cannes, tentando fechar a compra de novos produtos. w A feira começou ontem e vai até quinta-feira. Existe a expectativa que cerca de 12 mil pessoas de todo mundo devem passar por lá.

C´EST FINI

>> TV - TUDO w EXTREMA COINCIDÊNCIA O logotipo usado pelo candidato José Serra, PSDB – São Paulo, nas eleições à Prefeitura de São Paulo, é bem parecido com o da TV Rio Sul, afiliada da Rede Globo no interior do Estado do Rio. A diferença, além das cores, é que o da TV tem mais anos de vida.

Terça-feira

AS AVENTURAS DE AGAMENON, O REPÓRTER - (14 ANOS) CINEMARK 1- Hora:11:50 (será exibida somente Dom) PIRATAS PIRADOS 3 - (LIVRE) CINEMARK 2 - Hora:11:15 (será exibida somente Sex e Dom) TINKER BELL: O SEGREDO DAS FADAS - (LIVRE) CINEMARK 7 - Hora:13:10 / 17:20 (não será exibida Sex, Sáb e Dom); Hora: 19:20 / 21:40 (será exibida somente Sex, Sáb e Dom). OBS: A aprogramação pode ser alterada sem prévio aviso. Favor consultar o cinema para confirmar o filme do dia.

objetivo é a integração de todos os veículos. Em pouco mais de um ano, o Grupo Bandeirantes, em MG, aumentou de duas para seis a quantidade de empresas instaladas. Só falta melhorar o sinal da TV. w LUTA SEM FIM Parece que não tem mesmo jeito. A ordem, ao que parece, é entregar os pontos ante a ação dos cambistas nos grandes eventos esportivos e culturais. No show dos Titãs, realizado em São Paulo, não foi diferente. Isso na cara de alguns policiais. É o fim.


Cidade

Terça-feira

Natal, 9 de outubro de 2012

O Jornal de HOJE 19

Código de Defesa do Consumidor passa por ajustes NOVAS

REALIDADES MERCADOLÓGICAS FAZEM COM QUE O

CAROL SOUZA REPÓRTER

Após pouco mais de vinte anos de ser promulgado, o Código de Defesa do Consumidor (CDC), vigente no Brasil desde a década de 90, pode sofrer algumas adaptações. Tido como uma legislação de vanguarda da época, o Código continua moderno, mas precisa se adequar às novas realidades mercadológicas. Com o surgimento de novos meios de consumo pela população, por exemplo, agora é preciso criar regras para proteger os consumidores dos abusos advindos do comércio eletrônico. Diante disso, uma comissão de juristas nomeada pelo então presidente do Senado, José Sarney, elaborou três projetos de atualização do Código que foram apresentados à Casa Legislativa em março deste ano. Conforme existência de outras propostas normativas de alteração do Código de Defesa do Consumidor, o ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, criou uma Comissão de Especialistas do Direito do Consumidor que irá avaliar a procedência das novas proposições.

Além das questões referentes ao comércio eletrônico, com a proposição que deverá regulamentar as compras pela internet, os principais temas abordados nos projetos foram os riscos das ações coletivas (assegurando prioridade e agilidade na Justiça, assim como eficácia nacional às decisões) e o superendividamento (buscando evitar a insolvência de pessoas físicas). De acordo com José Augusto Peres, promotor de Defesa do Consumidor do RN e membro da Comissão de Especialistas, o Ministério da Justiça se posiciona contra qualquer alteração do CDC. "A gente acredita que haverá um risco de retrocesso. Nosso Código pode não ser perfeito, mas ele tem se mostrado um instrumento muito valioso na defesa do consumidor", afirma. O promotor explica que no momento em que o Congresso Nacional se propõe a alterar o Código, "nós teremos o risco de que a alteração venha prejudicar o consumidor". "Por isso, nós nos posicionamos contra qualquer alteração no texto do CDC. Obviamente, é importante que o país tenha uma legislação sobre o comércio eletrô-

nico e sobre o superendividamento, mas não acreditamos que o melhor caminho seja mexer no próprio Código de Defesa do Consumidor", aponta. A primeira audiência pública no Senado Federal com os membros da Comissão de Especialistas do Direito do Consumidor já foi marcada para o dia 16 de outubro. Será uma audiência pública geral sobre a atualização do Código em si. Segundo o promotor José Peres, o Ministro da Justiça já confirmou presença. Após essa audiência será promovida mais três, cada uma discutindo um dos projetos. Além da preocupação com o retrocesso, advinda possivelmente com os três projetos de lei, Peres diz que ainda é preciso considerar que há no Congresso Nacional cerca de 250 outras propostas de alteração do CDC. "Nem todas elas são favoráveis ao consumidor ou seguem os mesmos princípios do Código atual. E isso é muito preocupante. Neste momento, a Comissão de Especialistas defende que não se mecha nesses outros projetos de lei e que o Congresso Nacional se atenha as três propostas de alteração", afirma.

CDC,

QUE TEM MAIS DE

"O projeto sobre o comércio eletrônico pretende deixar explicita as várias obrigações e direitos que o consumidor tem e que estão implícitos no CDC, mas deixam de ser cumpridos ou obedecidos pelo fornecedor por causa da ausência de uma lei que diga expressamente tudo o que ele, fornecedor no mercado virtual, tem que fazer", explica. O consumidor do mercado eletrônico tem os mesmos direitos daquele que comprar no mercado tradicional. As proteções contra a prática abusiva ou contra a publicidade enganosa, por exemplo, são as mesmas. Os fornecedores devem informar o consumidor a cerca do produto, prestar informações claras, corretas e ostensivas ao consumidor sobre a empresa.

"No momento em que o fornecedor sonega o endereço físico, por exemplo, ele ta violando o direito do consumidor, pois, se houver algum problema com uma determinada compra, o consumidor não terá como propor uma ação contra a empresa", afirma José Peres. "Às vezes, só tem o nome de fantasia no site. Não tem CNPJ, não tem endereço. No máximo ele vai ter um e-mail que vai colocar numa petição e isso com certeza dificulta a luta do consumidor pelo direito", disse. Além das informações, há também uma dificuldade muito grande do consumidor para exercer o direito de arrependimento no comercio eletrônico - o chamado "Prazo de Reflexão". "O projeto também dissecará bem essa questão do ar-

Promotor José Augusto Peres: Ministério da Justiça se posiciona contra qualquer qualquuer alteração do Código

rependimento no comercio eletrônico. Hoje qualquer compra ou contrato feito fora do estabelecimento comercial (venda por telemarketing, catálogo e também por internet), o consumidor tem um prazo de sete dias para se arrepender", explica. Em muitos casos o consumidor está na frente do computador, por exemplo, e surge uma oferta inesperada na tela, fazendo-o comprar algo que, a princípio, não estava precisando. Em consequência dessa compra, o consumidor corre o risco de receber o produto errado ou da maneira que não estava esperando. "Por isso a justiça dá o prazo de sete dias para arrependimento e o consumidor pode devolver o produto sem nenhum custo adicional", defendo o promotor.

> PREVENÇÃO AO CÂNCER

Natal está integrada ao Outubro Rosa Todos os anos, no mês de outubro, acontece um movimento popular internacionalmente conhecido como `Outubro Rosa`. Durante os 31 dias do mês, em todo o mundo são realizadas ações que simbolizam a luta contra o câncer de mama. O movimento começou nos Estados Unidos, onde vários estados tinham ações isoladas neste mês de prevenção ao câncer de mama. Posteriormente, com a aprovação do Congresso Americano, outubro se tornou o mês nacional (americano) de prevenção à doença. Com o passar dos anos e o aumento nos diagnósticos de câncer de mama, vários países aderiram ao movimento realizando até hoje ações direcionadas a conscientização da prevenção pelo diagnóstico precoce. Para tornar o movimento mais popular, algumas organizações criaram eventos como corridas, desfiles, congressos, e muitas empresas se tornaram parceiras na luta, iluminando suas fachadas com luzes cor-de-rosa. A primeira iniciativa feita no Brasil no Outubro Rosa, foi a iluminação em rosa do monumento Mausoléu do Soldado Constitucionalista (mais conhecido como o Obelisco do Ibirapuera), em São Paulo, no dia 2 de outubro de 2002, quando foram comemorados os 70 anos do encerramento da revolução. A iniciativa partiu de um grupo de mulheres simpatizantes com a causa do câncer de mama que, com o apoio de uma conceituada empresa européia de cosméticos, iluminou de rosa o Obelisco do Ibirapuera, em alusão ao Outubro Rosa. Hoje, em todo o país, o evento é comemorado e lembrado com diversas ações, nas quais entidades

Laço cor-de-rosa simboliza a campanha, que teve início em 2002, no Brasil relacionadas ao câncer de mama, empresas e órgãos púbicos se unem para expandir a campanha. No Rio Grande do Norte, há quatro anos a Liga Norte-Rio-Grandense Contra o Câncer realiza ações durante todo o mês de outubro para conscientizar e mobilizar a sociedade para o combate à doença. Grandes parceiros da Liga são a Rede Feminina Contra o Câncer e o Grupo Despertar. Em Natal, cresce a cada ano o número de em-

presas que se aliam na campanha de prevenção e luta contra o câncer de mama, e neste ano, o Tribunal de Justiça do RN, a Casa Durval Paiva, o Norte Shopping, a Sesap e o Aeroporto Internacional Augusto Severo estão promovendo ações. Algumas delas iluminam as fachadas com luzes cor-de-rosa, outras mantém suas páginas virtuais e redes sociais na mesma cor e em outras casos, como forma de lem-

ANOS, SEJA REPENSADO Herácles Dantas

Peres alerta: "Empresas usam brechas para não respeitar os consumidores" De acordo com o promotor, as garantias do comércio eletrônico hoje são gerais, ou seja, são as mesmas para todo tipo de comércio ou de comércio a distancia. "O comércio eletrônico tem certas peculiaridades que, se seguirmos os princípios que regem o Código de Defesa do Consumidor, conseguiremos proteger esse consumidor com essas regras gerais", disse Peres. No entanto, o promotor afirma que como elas não estão postas de maneira clara, explicita no código, muitos fornecedores se acham no direito de descumpri-las, "assim como alguns magistrados não asseguram perfeitamente esse direito aos consumidores". "As empresas costumam usar brechas para não respeitar os consumidores", afirma.

20

brar o Outubro Rosa, os funcionários utilizam uma fita rosa em suas roupas, que é o símbolo da luta contra o câncer de mama. Desde o dia 1º de outubro uma série de eventos foi programada pela Liga Norte-Rio-Grandense Contra o Câncer para o Outubro Rosa. Entre os eventos estão eventos esportivos, palestras em escolas e empresas, passeatas, mutirões de conscientização com distribuição de folhetos e acompanhamento de médicos, que seguem até o último dia do mês. Segundo dados do Instituto Nacional do Câncer (Inca), o câncer de mama é responsável por mais de 15% das mortes por câncer no Brasil. Cerca de 50 mil novos casos são diagnosticados por ano no País. No Rio Grande do Norte, 610 casos foram detectados apenas de janeiro a agosto de 2011, sendo 200 deles apenas na capital. Esse índice coloca o RN no quinto lugar entre os estados do Nordeste e 15º em todo o Brasil com maior índice de novos casos de câncer de mama. O movimento Outubro Rosa, hoje é muito bem reconhecido, e representado, e serve como motivação para que mulheres se cuidem e estejam atentas e bem informadas quanto ao perigo do câncer de mama e sua prevenção. A expansão que o movimento alcançou não apenas mulheres, mas homens também, jovens e idosos abraçando uma mesma causa. Essa luta, não se restringe mais à classe feminina graças ao Outubro Rosa, que se tornou um evento simbólico e que mesmo sem muita 'divulgação' é compreendido em qualquer lugar no mundo, apenas por sua cor ou pelo laço cor-de-rosa estampado no peito, simbolizando.


20 O Jornal de HOJE

Cidade

Natal, 9 de outubro de 2012

Terça-feira

Érika Nesi Moda & Atitude erikamnesi@hotmail.com

Ah, quer saber...

Como participar...

Já pensou? Para participar, basta escolher um personagem que se pareça com a criança que você quer presentear, justificar a resposta e o mais criativo será o vencedor. O resultado será divulgado na sexta-feira, dia 12. Mais informações e o regulamento no http://migre.me/aY1k7.

A Tindolelê lança coleção verão 2013 Amanhã (10), a empresária Nailka Saldanha irá lançar a coleção verão da Tindolelê, com direito à desfile e tudo mais. O babado acontecerá no estacionamento da Donna Donna, a partir das 18h, com tudo que a meninada tem direito: algodão doce, pipoca e mini-pizza. O Moda & Atitude estará presente e mostrará tudinho pra você, assim como a coluna.

t t t

Guia RN, noivas, eventos e debutantes será lançado hoje

Com um lindo convite, Jane Paz e Léo Américo convidam hoje, logo mais às 20h, para a festa de lançamento do Guia Noivas - Eventos e Debutantes do RN 2012-2013, que será no Pirâmide Natal Hotel & Convention.

t t t

t t t

ADiniz Prime está bombando com marcas poderosas

Mistura de materiais da Calvin Klein

Ontem estivemos na Diniz Prime do CCAB - Petrópolis e nos encantamos com os óculos maravilhosos que a loja tinha acabado de receber de marcas poderosas como: Gucci, Caroline Herrera e Givenchy. Todos na melhor tendência chique, e que estarão presentes no próximo editorial da coluna, ou seja, no próximo sábado.

Campanha da Calvin Klein Jeans, já na Donna Donna

t t t

Tereza Tinôco

t t t

Muitas novidades estão chegando diariamente na Maison Tereza Tinôco. A empresária que estava de férias, chega hoje com mais roupas belíssimas das marcas que representa. t t t

A Calvin Klein Jeans mostra o que os paraísos tropicais têm de mais sofisticado, moderno e sexy. A marca viajou por belas praias desertas, ilhas isoladas, montanhas selvagens e pela multicultural Nova York para apresentar a coleção Primavera/Verão 2013 com o tema Paradise, que traz uma moda colorida e recheada de estampas. Frases como "before my time", "private beach" e "summertime" definem o tom da busca pelo exclusivo e pelo prazer individual.

Ponto alto da coleção feminina

Novidades da marca Guilhermina chegam na Collezione

Bolsa da Luiza Barcellos by Collezione

PRAIA DEVASSA

Fátima Jales começa a se preparar para evento fashion Dia 22 de outubro, a empresária Fátima Jales vai receber o maquiador famoso Denis Proença. Ano passado ele esteve aqui e durante uma semana ensinou à mulherada como se maquiar de acordo com as tendências da estação. Assim será novamente, aguardem notícias, mas quem já quiser agendar o atendimento pessoal pode procurar a Dermage.

O ponto alto da coleção feminina é a mistura de materiais, texturas e tecidos fluídos. As peças aparecem com aviamentos dourados e em tons de cobre mescladas a transparências e tachas. A modelagem slim exalta as curvas da mulher bronzeada do verão. t t t

A alfaiataria

Já a alfaiataria vem com detalhes em couro natural e metais. Quanto às cores, a aposta é por tons quentes e vibrantes, como o vermelho, amarelo, pink, azul-piscina, verde-água e laranja, o hit da estação.

Flávia Diniz

t t t t t t

As estampas Inspared da Cambridge Satchel chega à Collezione

As estampas de destaque são as das belas praias americanas, como South Hampton, Miami Beach e Copper's, além das listras, do xadrez e dos florais e jogos

Ana Augusta de Paula

A Collezione recebeu várias cores da releitura da bolsa que está fazendo o maior sucesso entre as fashions de plantão. Trata-se da Cambridge Satchel, as bolsas super estilosas chegaram em várias cores e vale a pena conferir de perto.

t t t

Para os homens Kadu Severiano

t t t Promoção vai premiar crianças com moderno videogame no próximo dia 12 Que tal fazer uma grande surpresa para o seu filho no próximo Dia das Crianças e presenteá-lo com um moderno videogame? O Pittsburg e a Ovni Games lançaram uma promoção no Facebook que pode ser a sua chance. Entre os prêmios estão um Nintendo Wii, um Kinect e um PS3.

Para os homens, cada vez mais vaidosos, a Calvin Klein Jeans apresenta peças que realçam a beleza masculina, como camisas de variados modelos, cores e estampas. t t t

Sugestões Jota Oliveira

As sugestões mais frescas de mangas curtas e longas com martingale são perfeitas para o verão. Já as camisetas aparecem em golas em "U" e "V", que continuam com força ao lado dos modelos relax e careca. Até amanhã!


FLIP 09/10/2012