Page 1

Sexta-feira

Ano XV w NATAL-RN,

6 DE JULHO DE 2012 w Nº 4.383

R$1,00 w jornaldehoje.com.br

> ELEIÇÕES MUNICIPAIS NO RN

Listão dos “fichas sujas” da Procuradoria Regional Eleitoral tem mais de mil nomes O

SITE WWW.PRERN.MPF.GOV.BR PUBLICA A RELAÇÃO DOS GESTORES E EX-GESTORES PÚBLICOS DO

RIO GRANDE DO NORTE QUE PRATICARAM IRREGULARIDADES E PODEM TER CANDIDATURAS IMPUGNADAS, CASO DISPUTEM O PLEITO DE 7 DE OUTUBRO POLÍTICA 5

> CALAMIDADE PÚBLICA NA SAÚDE

Municípios não aceitam que Estado culpe apenas a rede de atenção básica

> WWW.CIENTEC.UFRN.BR

Wellington Rocha

Wellington Rocha

Portal foi apresentado hoje, na videoteca da Biblioteca Zila Mamede, e servirá para otimizar, organizar e administrar eventos universitários

UFRN lança portal para inscrições da Cientec 2012

CIDADE 8

Para Solane Costa, do Cosems, prefeituras investem mais do que manda a legislação. CIDADE 6 José Aldenir

> NA JUSTIÇA

> SÉRIE B

Urbana reintegra 17 dos 29 concursados que foram demitidos

Max no América e Washington no ABC são as novidades para a 9a rodada

CIDADE 6

ESPORTE 15

> EXEMPLO

> HOMENAGENS

Dona Otília completa 102 anos esbanjando alegria e disposição

Livro registra vida e obra no centenário do professor Otto de Brito Guerra

CIDADE 8

Ao lado do filho primogênito, que tem 76 anos, Titi comemora mais um aniversário

CULTURA 17

Túlio Lemos

Marcos A. de Sá

Daniela Freire

Vicente Serejo

Rubens Lemos F.

Página 3

Página 7

Página 12

Página 13

Página 16

w A campanha eleitoral começa, oficialmente, hoje. E qual será o nível do discurso?

w Grupo Queiroz Galvão terá 4 parques eólicos no vale do Ceará-Mirim até o início de 2014.

w De Hermano sobre Carlos Eduardo: "O ex-prefeito parece incomodado".

w De ser pastor de nuvens numa vila antiga plantada no beiço de um rio e de um mar.

w Júnior, ao reconhecer Marinho Chagas, deu uma aula de respeito aos mascarados de hoje.

ESCREVEM ARTIGOS DA EDIÇÃO DE HOJE Janguiê Diniz F. César Barbosa Adauto Medeiros Laurence Bittencourt Ormuz Barbalho Simonetti José Narcelio Marques Sousa OPINIÃO - Página 2

INDICADORES: Dólar comercial R$ 2,03 Dólar turismo Dólar/Real

R$ 2,09 R$ 2,03

Euro x real Poupança Taxa Selic

R$ 2,49 0,50% 8,5%

EMAIL REDAÇÃO:

jornalismo@jornaldehoje.com.br

ACESSE O SITE:

www.jornaldehoje.com.br

SIGA-NOS NO TWITTER:

@jornaldehoje

TOTAL DE PÁGINAS NESTA EDIÇÃO

20 CMYK


2 O Jornal de HOJE

Artigo

Opinião

Natal, 6 de julho de 2012

JANGUIÊ DINIZ, mestre e doutor em Direito (janguie@sereducacional.com)

Amancio

Sexta-feira

Artigo

amancionatal@gmail.com / www.chargistaamancio.blogspot.com

E os pedestres? Chegamos ao inverno e já começamos a ver a fragilidade dos asfaltos e calçamentos da cidade. Pensamos e falamos muito sobre a mobilidade urbana, tratando de número de veículos nas ruas, congestionamentos e construção de novas vias e corredores de transporte público. Mas, esquecemos de pensar nas condições oferecidas aos pedestres. O cidadão que precisa das calçadas para circular convive, diariamente, com o descaso. É triste admitir, mas a realidade dos pedestres no Brasil é, quase em sua totalidade, vergonhosa. Quase não temos calçadas em boas condições, seja para pessoas com total funcionalidade ou para deficientes. O que vemos de fato são calçadas servindo como áreas de comércio intenso e até mesmo estacionamento de veículos, quando, na realidade, foram pensadas para separar a circulação dos pedestres e dos veículos e com papel fundamental para qualquer cidade. Hoje em dia, é comum observar a população disputando espaço nessas vias com carros e motos estacionados irregularmente, caçambas cheias de entulhos de obras e montanhas de material de construção, tornando a utilização das calçadas em um grande obstáculo para os usuários, principalmente os portadores de necessidades especiais. Em estudo divulgado recentemente pelo Mobilize Brasil, as condições das calçadas de 12 capitais brasileiras, entre elas Salvador (BA), Fortaleza

Artigo

F. CÉSAR BARBOSA, articulista (fcesarb61@yahoo.com.br)

(CE), Natal (RN) e Recife (PE), foram avaliadas e o resultado foi lamentável. Em todas as cidades constatou-se descaso das autoridades quanto à conservação das calçadas, especialmente por conta das frequentes obras realizadas por concessionárias de serviços de água, gás, energia e telefonia. No Recife, por exemplo, enquanto as calçadas da Praia de Boa Viagem obtiveram nota 8,5, em uma escala que foi de 1 a 10, a rua do Hospício, no centro da cidade, ficou com média 3. O projeto de calçadas e passeios é considerado de competência do poder público. Porém, as prefeituras responsabilizam o proprietário de cada imóvel pela conservação e manutenção das calçadas em frente à sua propriedade e isso resulta em uma abundância de condições e tratamentos. E como, muitas vezes, não existe uma fiscalização sistemática, a maioria dos proprietários não mantêm suas calçadas adequadas. Precisamos pensar sim em novas vias e em aspectos que melhorem a qualidade do transporte público em toda a cidade e arredores, mas precisamos lembrar, também, que as calçadas são o instrumento básico de mobilidade em qualquer cidade. Em países como o Japão, o pedestre e o ciclista têm sempre prioridade. Mesmo que estes estejam na rua, os carros respeitam os transeuntes. Calçadas funcionam como um sensor da qualidade de urbanização de uma cidade e por isso, devem ter condições de atender a todos.

ORMUZ BARBALHO SIMONETTI, presidente do Instituto Norte-rio-grandense de Genealogia-INRG e membro do IHGRN (ormuzsimonetti@yahoo.com.br)

De volta pra o aconchego - Primeira Parte No início deste mês recebi um convite de minha prima Marlene Barbalho, que me deixou muito feliz. Estávamos em seu alpendre na Praia da Pipa quando ela me convocou para comemorar o dia de São João na sua fazenda. Da programação festiva, previamente organizada, constava a realização de uma cavalgada que iria obedecer aos moldes das antigas visitas que meus pais, tios e avós, realizavam quando passavam os meses de junho/julho nas suas respectivas fazendas, naquela região. Vários membros da família Barbalho/Simonetti, proprietários de terras em Goianinha que se dedicavam a atividade canavieira, escolheram a região do município de Santo Antônio do Salto da Onça, para a atividade pecuária, principalmente a criação de gado. O centro de todas essas propriedades era a Fazenda Lagoa Nova. Pertencia ao meu avô materno Odilon Barbalho, que ao falecer em 1962 deixou, para alguns de seus 11 filhos, uma parte dela. Outros herdaram propriedades menores, que ficavam em seu entorno. Aquela seria uma viagem de muitas recordações. Por isso mesmo, no dia anterior, passei boa parte da noite revivendo antigas relembranças da minha infância e adolescência, quando durante as férias escolares nos meses de junho, passava com meus primos e irmãos na Fazenda Lagoa do Espinho, de propriedade de meu pai, Arnaldo Simonetti, situada também nas proximidades da Fazenda Lagoa Nova. Pois bem, partimos de Natal, eu e minha esposa Geiza numa ensolarada manhã de domingo. Juntaram-se a nós, meu primo David Simonetti e esposa Olga, parceiro de muitas aventuras desde nossa infância nos anos 50 aqui em Natal, parte de nossa adolescência nos anos 70, no Rio de Janeiro, e novamente de volta pra nossas origens, aqui em Natal. Segui viagem em direção ao município de Serra Caiada, antigo roteiro que fazia quando acompanhava meu pai, nos fins de semana quando para lá nos deslocávamos num "possante" Jeep Willis, ano 1959. Chegamos a Boa Saúde, cidade que tem como padroeira Nossa Senhora da Boa Saúde, daí o seu nome. Lembreime que sempre fazíamos uma parada na mercearia do seu amigo Domicio. Lá ele se inteirava das novidades e encontrava outros amigos, moradores e fazendeiros na região. A demora "na pega" do inverno, o preço da arrouba de boi e a política eram os assuntos mais comentados naquela breve parada. Atravessávamos o Rio Trairi, na época ainda sem a ponte, construída na década de 70. Depois de outra parada obrigatória na fazenda Bom Pasto, onde moravam seus amigos, o casal Chicó e Dona Alice de Souza, chegávamos à fazenda Lagoa do Espinho, nosso destino. Durante o inverno, quando o Trairi descia com muita água, as famosas cheias, ficava intransponível para carros e animais. O único jeito para se atingir a outra margem e continuar a viagem era pelo "caixote". Possidônio, antigo morador da cidade, improvisava uma caixa de madeira, que atada a cordas, presas nas duas margens sobre o rio, fazia o transporte de pessoas e mercadorias, no sistema tirolesa. As cordas eram fixadas em duas pedras nos pontos mais altos em ambos os lados do rio, e as pessoas e mercadorias eram despachadas de uma margem para outra, com

relativa segurança. Do outro lado do rio, o vaqueiro Severino Pajeba, já nos esperava com cavalos selados para fazermos o restante do percurso. Eram tempos difíceis, porém, deixaram muitas saudades. Seguíamos em direção à fazenda Bom Pasto onde estava prevista a concentração dos participantes. A fazenda pertence ao meu sobrinho Arnaldo Simonetti, único filho de meu saudoso irmão Marcelo Simonetti, falecido prematuramente. Herdou do pai além da bondade, o gosto pelas coisas do campo, principalmente as vaquejadas. Ao chegar na fazenda, encontramos o que já era esperado nesse tipo de eventos. Caminhões que transportavam cavalos de locais mais distantes, estacionados em baixo das árvores, misturavam-se a cavalos arreados e prontos para a partida, num frenético vai e vem de pessoas vestidas a caráter exibindo seus trajes compostos de botas, esporas, rebenque e chapéu de couro. Debaixo de um frondoso pé de umbu, outros participavam de animada conversa em torno de uma grande mesa e se fartavam de comidas típicas da região. Não obstante a existência de outras bebidas sobre a mesa, a preferência era pela velha e boa cachaça. O tira-gosto convidava e estimulava o consumo da "marvada", pois era à base de buchada, carneiro guisado e sarapatel, além de suculentos umbus-cajá e siriguela, colhidos ali pertinho. Os carros, em sua maioria camionetas, também participaram conduzindo os que não tivessem montaria, ou mesmo que preferissem o conforto dos automóveis. Chamou-me a atenção, o fato de haver cavaleiros de ambos os sexos, e com idade variando entre sete e setenta anos, com a mesma alegria e disposição. Na hora marcada, por volta do meio dia, partiu a cavalgada/carreata em direção à fazenda Lagoa do Cajá, que outrora pertenceu a meu irmão Marcelo Simonetti, primeira parada da caravana. Outro fato não escapou às minhas observações, e que me deixou muito feliz: a participação democrática e entusiasta dos moradores da redondeza. Ali estavam reunidos vaqueiros com suas humildes montarias, junto com fazendeiros e visitantes que exibiam majestosos animais tratadas a "pão-de-ló", num mesmo propósito: manter a tradição das visitas às propriedades de parentes e amigos num clima de festa e regozijo. Antecipei-me na partida, e fui fazer uma rápida visita a um antigo vaqueiro de meu pai, nascido e criado na nossa fazenda. Severino Pajeba, a quem já me referi, ainda mora na região, com sua esposa e alguns de seus filhos. Para chegar até sua morada, precisei passar por dentro da fazenda Lagoa do Espinho, de tantas recordações. Cumprindo promessa feita a meu filho Thiago, que não a conheceu, tirei algumas fotografias da fazenda. Fotografei a sede – casa grande, curral, armazém, casa do administrador e um pequeno aprisco – que ainda permanece sem nenhuma alteração, desde o tempo que foi vendida, logo após o falecimento de meu pai. Quando iniciava as fotos, lembrei-me de um verso do poema "Fazenda Santo Antonio", onde Jorge de Altinho descreve cheio de saudades a fazenda de seu tio, que costumava freqüentar no tempo de menino. "A tristeza me invade, quem já foi felicidade hoje é só recordação".

Minha intriga com Gonzagão

Artigo

ADAUTO MEDEIROS, engenheiro civil e empresário (adautomedeiros@bol.com.br)

A crise do euro e a ditadura cartorial Li recentemente nas páginas amarelas da revista Veja uma entrevista com o primeiro-ministro italiano, Mário Monti, em que o mesmo falava a respeito da crise do euro, mais especificamente sobre a Itália. Ora, é uma característica dos meus artigos, sempre que escrevo culpar o Estado como o grande responsavel pelas mazelas da sociedade, que no Brasil começa com as Bolsas e no mundo em um sentido mais geral com as guerras, que em sua grande maioria poderiam ser resolvidas numa mesa de negociação. Bom, mas e a entrevista do primeiro-ministro italiano é rica em informações para nós brasileiros. Vejamos o que ele disse em um dos pontos da entrevista: "o único desequilíbrio na Itália diz respeito ao nível da dívida pública. E sobre isso devemos falar para conter o nervosismo dos mercados, que aumentou os custos do refinanciamento do Estado". Ora, quando acontecem baques econômicos do Estado logo vem o aumento da carga tributária para cobrir a irresponsabilidade dos governantes com o dinheiro público. A frase do

Artigo

primeiro Ministro cai como uma luva para o Brasil. Ainda de acordo com a entrevista, o primeiro-ministro italiano alerta que em seu país, mudou-se a idade mínima da aposentadoria para 67 anos. Aí ele lembra que a vida média na Itália são de 82 anos e afirma que eles vão flexibilizar os horários do comércio e permitir que as lojas de conveniência aumentem as ofertas de produtos pois assim gerarão novos empregos. Logo se conclui que eles estão fazendo uma reforma na burocracia para diminuir o tempo e o dinheiro gasto pelos italianos. Coisa bem diferente do nosso país. Pela entrevista ficamos sabendo também que documentos como certidão do nascimento ou outros essenciais são tirados na Itália pela internet, quando no Brasil desde a época dos Impérios criamos os cartórios com o único objetivo de salvar os nobres arruinados, e com isso acabamos sendo transformados em uma república cartorial gerando uma burocracia que emperra e atrapalha a vida do cidadão comum. A propósito, certa vez conversei com

um nobre de verdade (pois é dono de um cartório aqui no país) e fui surpreendido quando ele me disse que a principal função dos cartórios era dar segurança jurídica ao país. Sinceramente fiquei estarrecido e diante da afirmação fiquei imaginando que a maior economia do mundo - os Estados Unidos da América - não tem cartório. Quem está errado, o Brasil ou os Estados Unidos? Bom, mas baseado na afirmação do meu amigo "nobre" queria lembrar então como forma de aviso, aos natalenses que compraram apartamento nos EUA que procurem vendê-los rápidos porque lá não há segurança jurídica, já que não tem cartório e só terá quando os americanos criar os tais cartórios. Não é uma gracinha? Mas, lá, eles têm de fato uma democracia e isso faz toda a diferença, enquanto aqui nós temos mesmo é uma ditadura cartorial e uma burocracia estupida e imensa. De qualquer forma aos compradores de apartamento nos Estados Unidos fica a lembrança e o cuidado. Falta de aviso da minha parte é que não foi.

LAURENCE BITTENCOURT, jornalista (laurenceleite@bol.com.br)

A decadência do mundo ocidental Esta semana conversando com um amigo, falávamos sobre a tão decantada "decadência" do mundo ocidental e em especial da chamada democracia burguesa. Dizer ou afirmar que o Ocidente está decadente é coisa antiga e que o mundo democrata idem, também. Ao término da conversa fiquei ruminando sozinho com os meus pensamentos sobre o assunto. Claro, quando se fala em decadência do mundo ocidental a idéia central que percorre está sempre relacionada aos valores que de um modo geral entraram em colapso. Fiquei matutando sobre esse tipo de idéia em especial quando emerge da boca de um "comunista" ou socialistas. Aqui em Natal o que tem de "socialistas" burgueses não está no gibi. Mas voltando ao nosso assunto propriamente, penso eu que quando se critica um valor, o certo é ter-se outro valor para substituir aquele que está sendo criticado. Penso eu, ainda que alguém mais espertinho possa sair com um "não necessariamente". De qualquer forma caberia uma reflexão se essa "saída estratégica" não seria algo também decadente? Bom,

Artigo

o certo é que fiquei me perguntando que "valores" teriam a oferecer ao mundo ocidental, o pensamento comunista depois da queda desse mesmo pensamento comunista com a derrubada do muro de Berlin e com "explosão" da ex-União Soviética? Nessas horas, o critico ocidental fica em silencio. Estratégico? Mas levando a frente minhas ruminações, comecei a refletir e me perguntar se criticar o "decadentismo" dos valores ocidentais e da democracia não seria algo, no mínimo, conservador? Tai uma boa palavra para se pensar. E penso eu que sim, se levarmos em conta que a acusação da perda dos valores diz respeito quase sempre a "selvageria" do mundo ocidental. Foi ai que resolvi me perguntar se essa "selvageria" nas artes, por exemplo, não teria inicio com o surgimento do rock and roll e toda sua contestação e selvageria? Pense bem. O incrível é que entre gente jovem (e mesmo entre não tão jovens) muitos deles são defensores do rock and roll e parece nesse momento não perceber na "arte" nenhuma decadência de valores.

Vou poupar você leitor das minhas elucubrações pessoais, e dizer que em toda comparação que aborde o tema da decadência ocidental é comum vermos surgir como afirmação que a decadência do ocidente democrata nasce ou tem como origem as criticas do mundo socialista. Esse é quase um axioma em sociologia e outras ciências. Mas a minha conclusão é que se há um responsável pela decadência da democracia burguesa ocidental outro não é que a própria democracia. Pela sua permanente abertura e convívio com o contrário e com o regime de criticas a democracia permite o surgimento da própria "decadência". Mas isso é bom. Ruim é a estagnação. E, claro em regimes fechados (ditaduras, vá lá) é impossível, eu falei impossível, a contestação e acusação. Duvido que um fenômeno como o rock and roll surgisse em um país comunista. Duvido. Em Cuba? Jamais. Logo, é bom repensar o que seria decadente. Talvez para quem acuse seja "apenas" uma outra forma encoberta, velada, de desejar ditaduras e regimes fechados. Quem sabe?

JOSÉ NARCELIO MARQUES SOUSA, engenheiro civil (narcelio@supercabo.com.br)

Papo de botequim Na adolescência eu trabalhava como mensageiro durante meio expediente para ganhar meio salário mínimo numa construtora com sede na Ribeira. Atravessava diariamente a Praça Augusto Severo e ali encontrava pessoas saudáveis jogando cartas, dominó, gamão ou "porrinha" e as tachava de boas-vidas. Não entendia porque enquanto eu dava um duro danado trabalhando e estudando, elas se permitiam o luxo de nada fazer, semanas após semanas. Hoje admito o quanto eu estava enganado. Aqueles desocupados da praça eram, na grande maioria, idosos aposentados merecedores do ócio conquistado por anos seguidos de trabalho. A cena bucólica de antigamente desapareceu. Agora permeia o nada fazer de idosos, entre outras atividades, curtindo mesas de botequins aos sábados. Certa feita, enquanto aguardava alguns amigos num desses bares ditos da moda, bisbilhotava o bate-papo de alguns aposentados em mesa vizinha a minha. "E aí rapaz, o que anda aprontando agora?" - pergunta um deles. "Estou desmanchando à tarde o que eu fiz de manhã!" - responde outro. "Está gostando da vida de aposentado?" - pergunta o primeiro falante. "Se eu soubesse que era tão boa essa vida não teria sequer começado a

trabalhar. Já entraria, na admissão, com o meu pedido de aposentadoria. A gente faz o que quer, quando quer e na hora que bem entende. Tem coisa melhor?" - responde o outro galhofando, e continua sua explicação. "Agora sem sacanagem. Estou fazendo coisas que nunca imaginara fazer ao longo de todos esses meus anos de existência. Conhecer o mundo e me dedicar a atividades diferentes daquela na qual passei a vida inteira trabalhando são algumas delas.". Realmente, em apenas meio século o mundo virou de ponta cabeça e essa rotação acarretou radical transformação nos costumes dos povos. Os nossos adolescentes de hoje não se satisfazem em sonhar excitados com bailes de máscaras como os descritos em Dom Casmurro de Machado de Assis nem com as fantasias sexuais de Capitu, Bento e Escobar. Para que tanto esforço mental se agora eles podem dormir com seus parceiros nas próprias camas, e ainda contando com a aquiescência dos pais? Por outro lado, os sessentões de agora não perambulam pelos jardins de praças públicas nem ali jogam cartas, dominó ou gamão. Muitos permanecem rijos trabalhando e ativos na prática de esportes e de exercícios sexualistas. Pudera. Vivenciamos a era da globalização, do en-

curtamento de distancias, da informação em tempo real, do prolongamento da existência, da melhoria da qualidade de vida, da liberdade sexual e do Viagra. A imagem da avó rechonchuda de vestido austero e óculos de grau apoiado na ponta do nariz ensinando a netinha o dever de casa, essa há muito desapareceu dos reclamos comerciais. É meio difícil encaixar tal cena no extraordinário mundo novo. As vovozinhas de agora desfilam silhuetas provocantes de mulheronas espevitadas, atuantes e indóceis, enquanto os vovôs adoram parecerem garotões sarados, serelepes e antenados enganando as limitações da idade. Isso acontece porque os anseios dos idosos são outros, onde prevalece a vontade de continuar trabalhando por prazer e de se manter socialmente ativo a maior parte da vida. Chegaram os amigos sessentões e entabulamos nosso papo. Lá pras tantas perguntei a um deles que passara por delicado problema de saúde: "O que você andou fazendo durante esse período no estaleiro?" Sua resposta sincera: "Passei os dias escrevendo poesias, atualizando minha cinemateca e vendo vídeos pornográficos na internet". Pois sim, a terceira idade de hoje vive realmente seus anos dourados!

Dos meus 50 anos de idade, dez eu passei intrigado, de "fogo a sangue", com o cantador Luiz Gonzaga. Luiz Gonzaga (1912-1989) nunca fez, ou cantou, uma música para a mãe dele, dona "Santana". O "Mestre do Baião" só se lembrou de homenagear o pai. E foi um tal de Januário pra cá, Januário pra lá. Na música Respeita Januário, por exemplo, ele canta: "Luiz respeita Januário/Luiz, tu pode ser famoso/Mas teu pai é mais tinhoso/E com ele ninguém vai, Luiz, Luiz/ Respeita os oito baixo do teu pai!". Em Vovô Do Baião: "Seu Januário/Com bem noventa anos/Tinha nos seus planos/Fazer uma operação/Sua família tava toda reunida/Rezando pela vida/Do vovô do baião". O Maior Tocador: "Seu Januário tome um gole de quentão/Solta foguete, quero ver animação/Puxa esse fole oito baixo verdadeiro/Bota gás no candeeiro, chama as moças pro salão". Januário Vai Tocar: Lá na tapoca/No baxio, no Granito/Quando um cabra dá um grito/Januário vai tocar". Adeus A Januário: "Sem medir qualquer distância/Sem contar qualquer horário/Aqui vai como lembrança/Meu adeus, seu Januario". Meu Araripe: "Sejam bemvindos/Os filhos de Januário/Pro centenário do Araripe festejar". Prece Por Exu Novo: "Pois é, meu pai Januário/Parece que a paz não vingou/Nas terra do teu pé de serra/Acauã só agorou". Em 1979 Luiz Gonzaga gravou o Disco "Eu e Meu Pai" em homenagem a Januário José dos Santos (18881978). A Vida Do Viajante pergunta a Gonzagunhia: "Tá com saudade do vovô Januário"? E quando Gonzaguinha estava tendo problemas na faculdade - devido seu envolvimento político contra o Regime Militar - ele o repreendeu dizendo: "Vovô Januário 'qué' um neto 'dotô'"! Ana Batista de Jesus (1894?-1960) – nome de batismo da mãe de Luiz Gonzaga – era conhecida como "Santana" E só sabemos disso porque na música "Respeita Januário" ele, falando, diz – numa referência a uma ordem do pai – "'Santana', Gonzaga chegou"! Em 1997 a escritora francesa Dominique Dreyfus ocupou o terraço do Palácio da Cultura (antigo Palácio Potengi) para lançar, em Natal, seu livro "Vida do Viajante – A Saga de Luiz Gonzaga". E foi por este livro que eu vi a importância de dona "Santana" na vida daquele que se tornaria o símbolo vivo do povo nordestino. Em três ocasiões ela foi a "mãe leoa": primeiro quando o pariu, dando-lhe a vida isso por si só já justifica sua grande importância. Segundo, quando ela lhe aplicou uma surra, porque ameaçou matar um vizinho que não o queria namorando com a sua "fía". Isso levou Gonzaga a fugir de casa, indo para Fortaleza. Começava aí a abrir-se o grande horizonte de sua vida – em Exu não teria passado de mais um simples lavrador que tocava nos fins de semana. E por fim, quando, depois de 16 anos sem dar notícia, dona Santana foi ao Rio de Janeiro procurá-lo. Isso fez o novo astro da música nordestina voltar à sua terra no sertão pernambucano. E é preciso frisar que foi nessa importante viagem que, passando pelo Recife, conheceu o homem que se tornaria em um de seus mais importantes parceiros: Zé Dantas (1921-1962). Para culminar com as injustiças à sua valorosa mãe, Gonzaga – já de volta em definitivo a Exu – funda a "Casa de Amparo à Mulher Vovô Januário". Veja bem: uma instituição filantrópica, sem fins lucrativos, para abrigar grávidas sem marido, recebe o nome do seu pai. A meu ver Luiz Gonzaga perdeu sua maior oportunidade para, finalmente, homenagear dona "Santana". E aquilo, caro leitor, me subiu pelas tripas – eu odeio injustiças! – e decidi me livrar dos meus 24 discos de vinil, 15 CDs, livros, revistas, recortes, reportagens e tudo que tivesse o nome de Luiz Gonzaga. Ou seja: todo o meu acervo sobre o "Rei do Baião". Nisso levei dez anos – de 1998 a 2008 – sem ouvi-lo cantar. Minha mulher achava ridículo. Me chamava de "cabra besta". Mas, mesmo diante dos "puxões de orelhas" de dona Graça, não abri mão dos meus princípios. Para mim, meu ídolo de infância, aquele que me fez chorar no dia de sua morte, caiu em desgraça diante do que eu acredito. Tempos depois, reconsiderei. Rebuscando os "arquivos" da minha memória lembrei que a tradição nordestina tende a nos obrigar a homenagens à figura, quase sagrada, do pai. E, também, procurei, com sensatez, ver o Luiz Gonzaga ser humano. Como eu, sujeito a erros e acertos. Resolvi perdoá-lo...

NOTÍCIAS QUE OS OUTROS PUBLICARÃO AMANHÃ

OJORNALD EHOJE DIRETOR-EDITOR Marcos Aurélio de Sá DIRETOR ADMINISTRATIVO Marcelo Sá DIRETORA DE REDAÇÃO Sylvia Sá

EDITORES Dessana Araújo Élida Mercês João Ricardo Correia EDITOR DE POLÍTICA Túlio Lemos EDITOR DE ESPORTES

w w w . j o r n a l d e h o j e . c o m . b r Gabriel Negreiros EDITORA DE CULTURA Daniela Pacheco EDITOR RESPONSÁVEL / PORTAL JH Wagner Guerra GERENTE COMERCIAL Karina Mandel

ASSINATURA ANUAL Capital: R$ 210,00 Interior (via ônibus): R$ 250,00 Interior e outros Estados (via correios): valor da assinatura + o custo da postagem EXEMPLAR AVULSO R$ 1,00

ASSINATURA SEMESTRAL Capital: R$ 130,00 Interior (via ônibus): R$ 150,00 Interior e outros Estados (via correios): valor da assinatura + o custo da postagem EDIÇÃO ATRASADA R$ 4,00

O JORNAL DE HOJE se reserva o direito de não aceitar informes e material publicitário que infrijam as leis do país e a ética jornalistica. Informações, comentários e opiniões contidos em artigos assinados não possuem, necessariamente, o endosso da Direção. Só é permitida a reprodução de matérias com prévia autorização escrita e com a citação da fonte em destaque

REDAÇÃO E OFICINAS: Rua Dr. José Gonçalves, 687 - Lagoa Nova | Natal - RN - CEP 59056-570 |Brasil - Telefax: (84) 3211-0070 ramal 214 - Assinaturas: (84) 3221-5058 | jornalismo@jornaldehoje.com.br - www.jornaldehoje.com.br Editado e publicado por RN Gráfica e Editora Ltda. http://www.jornaldehoje.com.br - jornaldehoje@digi.com.br - jornaldehoje@uol.com.br - artigos@jornaldehoje.com.br - administracao@jornaldehoje.com.br - jornalismo@jornaldehoje.com.br - assinaturas@jornaldehoje.com.br - comercial@jornaldehoje.com.br


Política

Sexta-feira

Natal, 6 de julho de 2012

O Jornal de HOJE 3

“Carlos Eduardo é ruim, Rogério é retrocesso, Hermano é clientelista e PT apoia oligarquias” C ANDIDATO

DO

PSOL, R OBÉRIO PAULINO,

ALEX VIANA REPÓRTER DE POLÍTICA

O candidato do PSOL a prefeito de Natal, Robério Paulino, disse que a população da capital está “cansada da velha política" e do “revezamento das famílias oligárquicas”, especialmente Alves e Maias, no poder municipal. Ele defendeu a renovação, criticando os demais postulantes a prefeito de Natal. Em entrevista ao Jornal de Hoje, ele classificou o ex-prefeito Carlos Eduardo (PDT) de “ruim e autoritário”, disse que a eleição do deputado federal Rogério Marinho (PSDB) é um “retrocesso”, que o deputado estadual Hermano Morais (PMDB) representa o “clientelismo” e que o PT, do deputado estadual Fernando Mineiro (PT), já não promove mudanças e hoje vive à “sombra das oligarquias”. “A população está cansada da

velha política, do revezamento das famílias oligárquicas no poder em Natal. Nós temos que renovar a política. Porque o atraso da nossa cidade e do nosso estado tem a ver com o controle dessas velhas famílias, Alves, Maia e outras. Veja o atraso econômico e a ignorância do nosso povo! Precisamos de um corte, de um controle, de uma virada na vida política do RN”, disse Robério, em entrevista ao Jornal de Hoje. Sobre Carlos Eduardo Alves, o candidato do PSOL afirmou que, “comparado com o péssimo” da prefeita Micarla de Sousa (PV), o ex-prefeito é o ruim. “E não é porque a cidade teve uma decepção com Micarla, que é o péssimo, que nós temos que voltar ao ruim”, afirmou Paulino, que é professor universitário. “Ele não fez um metro de saneamento básico. Na verdade, o exprefeito endividou o município, dei-

NÃO POUPA SEUS ADVERSÁRIOS NO PRIMEIRO DIA DE CAMPANHA

xando a ‘bomba’ na mão da Micarla. Além disso, sob suas mãos o município perdeu milhões em remédios que venceram e não foram utilizados”, analisou. “O ex-prefeito é também um gestor autoritário, que atropelou todo mundo, e por isso que está com mandato sendo impugnado. A população não pode mudar do péssimo para o ruim, nós temos que olhar para frente”, resumiu. Sobre o deputado federal Rogério Marinho, Robério afirmou que o tucano representa o “desmonte do Estado brasileiro” com PSDB e com o DEM, franquias do neoliberalismo. “Eleger Rogério na cidade é um retrocesso às políticas mais duras neoliberais dos anos 90, representado pela política pública de FHC”, destacou. Sobre o candidato do PMDB, Hermano Morais, Paulino disse que o peemedebista representa o puro

clientelismo e fisiologismo: “Podese dizer que é uma pessoa preparada, mas também representa o que tem de mais velho na política brasileira, que é o PMDB, com o clientelismo, o fisiologismo, a troca de favores. O PMDB tem o Sarney e outros que tão bem representam a velha política”, afirmou. Com relação a Fernando Mineiro, Paulino disse que o PT já não representa nada mais de novo. “Pelas alianças que fez o PT hoje é a sombra das oligarquias do Estado do RN. O PT hoje é incapaz de fazer qualquer transformação séria no país, no estado e na cidade porque está amarrado pelas alianças que fez. Cite-se o Lula com Maluf”, observou, deixando claro que se tratam de observações políticas e não pessoais. “Conviverei cordialmente com cada um, mas são posições políticas que precisam ficar claras para a população”, afirmou.

Wellington Rocha

Robério Paulino: “População está cansada da velha política e quer renovação”

Vamos desprivatizar a saúde, revolucionar a educação, criar uma empresa de transporte público e vender bicicletas a prestação Segundo o professor Robério Paulino, a tônica do partido na presente campanha eleitoral em Natal será apresentar à população um programa ousado. “Nós vamos ser o grande diferencial nessas eleições, primeiro na educação, mas também com educação e transporte público”, afirmou. Por ser professor, junto com seu vice, Dário Barbosa (PSTU), e

com a principal candidata a vereadora, Amanda Gurgel (PSTU), Robério Paulino explica que o centro da campanha será a educação. “Queremos fazer uma revolução na educação, sou professor, Amanda Gurgel, Dário é professor. Vamos implantar a educação integral em todas as escolas até o final do mandato e ter 30% do orçamento municipal para

educação”, promete. Na saúde, o candidato pretende “desprivatizar” o setor, revisando contratos com Oscips e com a empresa Marca, responsável pela gestão de unidades de saúde em Natal e alvo de operação recente do Ministério Público. “Além disso, vamos reequipar os postos de saúde, com prioridade à atenção básica lá

em baixo”. Em relação ao transporte, a proposta do PSOL é criar a Empresa Municipal de Transportes, com ênfase ao serviço de ônibus. “Queremos fazer uma experiência em Natal com os ônibus a hidrogênio que já estão rodando em São Paulo e tem a vantagem de não serem poluentes”. Ainda sobre trânsito, o profes-

sor disse que quer mudar o conceito de mobilidade urbana, atualmente centrado no automóvel, para investimento em transporte público de massa. “Queremos rasgar ciclovias em toda a cidade. Inclusive, atraindo para Natal uma fábrica de bicicletas para produzir aqui. Vamos copiar o modelo de Bogotá, na Colômbia, que tem um milhão de bi-

cicletas hoje, e antes não tinha nada”. Ele explica que pretende colocar ciclovias de forma modular nas avenidas, e, se possível, na BR. “Mas tudo de maneira planejada e modular. Não vamos fazer demagogia, mas por etapas. O projeto não é para quatro anos, mas para 15 anos. E vender bicicletas em longas prestações”, finalizou.

> O QUE É QUE ESTÁ HAVENDO?

Luiz Almir poderá apoiar o “Boneco de Olinda” para prefeito O candidato do PV a vereador de Natal e apresentador Luiz Almir declarou esta manhã que não vê problema de apoiar a candidatura a prefeito de Natal do candidato do PDT, Carlos Eduardo Alves. “Não tenho nenhum problema de apoiar o Tufão”, afirmou o radialista e apresentador, numa referência ao personagem da novela das nove da TV Globo. Almir disse também que não encontra empecilho de apoiar Rogério Marinho (PSDB) e Hermano Morais (PMDB). “Não tenho nenhum problema com nenhum. Mas, só por amor, vou atrás da minha eleição. Apoio é mão dupla. É ajudando para ser ajudado. Até agora não tenho nenhuma baratinha de som. Tudo é caro. Quando é candidato vereador, o partido ajuda. Como no PV ficamos órfãos de candidato a prefeito, ficou difícil”, analisou. Luiz Almir disse não ter problema algum com Carlos Eduardo, mesmo pertencendo ao PV, partido da prefeita Micarla de Sousa, principal adversária do pedetista. “Pro-

blema não tenho, temos divergências políticas, mas não somos adversários, mas não há nenhuma conversa. Brinco com ele de Boneco de Olinda e Tufão, do mesmo jeito que o povo me chama de Juca Chaves e narigão”, observou o parlamentar, que chegou a ser cogitado como candidato do PV a disputar com o próprio pedetista a Prefeitura de Natal. “Nenhum deles me pediu, nem conversei com nenhum deles”, continuou Almir, cantarolando ao telefone. “Acho que não tem nem palanque, eleição é de amizade, pedir votos, amigos, família. Mas, hoje, como meu partido não tem candidato, vou pedir para mim, não sei se amanhã terei candidato a prefeito. É o recomeço do velho Luiz Almir”. Sobre Carlos ter dito que não aceita apoio dos vereadores e também do PV, Luiz Almir disse que o ex-prefeito precisa ter mais humildade. “Acho que todos têm que ter humildade. O apoio e o voto de todo mundo é importante. Porque o voto é muito importante, se ganha por um. O PV não está apoiando nin-

Heracles Dantas

José Aldenir

Carlos Eduardo já foi apelidado de Boneco de Olinda por Almir guém, está apoiando vereadores. Está só na proporcional, mas os candidatos podem apoiar quem achar que deve e podem não apoiar nenhum e cuidar de sua própria candidatura”, disse. DEMAIS VERDES

Ex-deputado não descarta apoiar o pedetista em outubro

O presidente da Câmara do PV, Edivan Martins, ainda não decidiu quem apoiará para prefeito de Natal, mas admite existir uma aproximação programática tanto com o deputado estadual Hermano Morais (PMDB), quanto com o deputado federal Rogério Marinho (PSDB).

“Especialmente pelo fato de eles terem sido vereador e conhecerem bem a cidade do Natal”, afirmou. Entretanto, o dirigente partidário não descarta analisar outros apoios. “No momento estou mais concentrado na minha reeleição para a Câmara Municipal de Natal”, afirmou.

O senador Paulo Davim (PV) teve uma conversa recente com o comando do PMDB e deverá apoiar a candidatura de Hermano Morais. Suplente de senador do ministro da Previdência, Garibaldi Filho, a quem Davim se aproximou politicamente após a eleição de 2010, o verde deverá seguir a orientação do ministro e apoiar a candidatura de Hermano Morais. O vereador Aquino Neto (PV) deverá apoiar a candidatura do exprefeito Carlos Eduardo Alves, embora ele não tenha anunciado ainda. Segundo fontes próximas ao vereador, ele analisa que o candidato do PDT é o que tem mais chances de vencer o pleito eleitoral deste ano e esse fator deverá ser determinante para a escolha do seu candidato a prefeito. No caso do deputado federal Paulo Vagner (PV), poderá ser mais um a integrar o palanque de Hermano Morais. Colega de bancada federal do presidente estadual do PMDB, Paulo estaria conversando com o deputado Henrique Alves sobre esta possibilidade.

Túlio Lemos POLÍTICA - TÚLIO LEMOS CAMPANHA Oficialmente, a campanha eleitoral começa hoje, embora alguns já tenham feito campanha antecipada. Sem contar com a presença de público para os tradicionais comícios, os candidatos vão realizar reuniões com segmentos e caminhadas em locais de movimento para produzir boas imagens para o programa eleitoral, esse sim, o verdadeiro palanque da campanha. DISCURSO Antes de começar a campanha, ou logo no seu início, os candidatos falam muito em nível do discurso. Depois, mudam de acordo com os números das pesquisas. Se estiver bem, evita bater nos adversários para não ser alvo também; se estiver em queda ou não tiver subindo, o recurso é apimentar o discurso. Ou seja: bater pesado. Sempre foi assim.

tuliolemosjh@gmail.com

NÍVEL Todos querem ouvir o que os candidatos terão a apresentar como propostas para solucionar os principais problemas da população. Porém, é aí que entra a discussão sobre o ‘nível’ da campanha. O que pode e o que não pode dizer sobre o adversário.

que tem um passado sujo e incompetente, mas se mostra exatamente ao contrário, por força dos marqueteiros e marreteiros. E aí, se o adversário mostrar quem realmente ele é, estará baixando o nível da campanha ou apenas revelando a verdade que está escondida?

NÍVEL II A questão do nível da campanha é relativa. Afinal, até que um adversário diga que o outro tem um passado imundo, todos viram ‘santos’ diante do eleitorado. O palanque eletrônico, que é o grande palco da eleição, apresenta todos os candidatos como extremamente verdadeiros e supercompetentes. Certamente que o eleitor está sendo enganado. Como diferenciar?

PÚBLICO Os políticos são candidatos a cargos públicos. Portanto, abrem oficialmente mão de sua privacidade. Desde que não descambe para o campo puramente pessoal, no que se refere à relação familiar do candidato com mulher e filhos, ele está exposto por conta e risco a ver sua vida devassada sem direito a se fazer de vítima.

NÍVEL III O tema gera muita discussão. Afinal, podemos ter um candidato

EXEMPLO Nos Estados Unidos, os políticos têm sua vida investigada minuciosamente pelos adversários, pelas autoridades e pela imprensa. Lá, até

casos de abandono de animais, infidelidade conjugal ou aborto, que poderiam parecer puramente pessoal, são expostos ao eleitorado, que reage diante de como seu candidato se comportou em relação a determinadas situações. PUDOR Aqui, a população combate a corrupção, a imprensa explora o tema à exaustão quando os fatos são revelados, mas durante a campanha política, que é o momento oportuno para filtrar quem presta ou não, há um certo pudor tanto de parte da sociedade quanto da imprensa, de explorar revelações do passado dos candidatos. E fazem isso em nome do ‘nível da campanha’. PUDOR II Quando você vir um candidato falando muito em nível da campanha, geralmente é porque ele

SUPERMOURA VEM AÍ! Ele voltou! O folclórico SuperMoura vai animar novamente a eleição em Natal. Será sua candidatura de número 525 a algum cargo eletivo, sem nunca ter sido eleito. SuperMoura é natural de Boa Saúde, soldado da reserva da PM e faz aniversário na véspera da eleição, dia 06 de outubro, quando completa 78 anos. A foto é do momento em que SuperMoura segura o registro de sua candidatura a vereador pelo PSL. esconde muita sujeira e não quer vê-la revelada. O tal ‘nível da campanha’ serve de amparo para que os sujos, corruptos e sem caráter, possam passar a campanha falando em soluções, em ética e em verdade. E a podridão permanece escondida. A farsa não é desmascarada.

EXIGÊNCIA O que se deve exigir de todos os candidatos, não em relação ao que eles falam sobre si, mas especialmente sobre o que falam dos adversários, é que não inventem denúncias, não deturpem fatos e não cometam injustiça. Fora isso, tá permitido cada um desnudar a farsa do outro.


4 O Jornal de HOJE

Política

Natal, 6 de julho de 2012

Walter Gomes DE BRASÍLIA - walgom@uol.com.br JOAQUIM PINHEIRO - INTERINO - jtpinheiro@bol.com.br

Insegurança pública Os Governos Federal, Estaduais e Municipais precisam estabelecer um pacto com a sociedade de combate integrado e permanente à violência no País. A situação está crítica e chegou ao limite da tolerância. O assunto tem que ser levado a sério e não está sendo. Basta de discurso e anúncios de planos inoperantes instituídos desde o governo Lula da Silva ao atual Dilma Rousseff. A segurança pública dos brasileiros está comprometida há muito tempo e só se ouve anúncios sem praticidade. A população continua desprotegida, insegura e a bandidagem tomou conta do País, inclusive no meio que deveria ser o protetor da sociedade. O problema é tão grave que há poucos dias um sargento da Polícia Militar do Rio Grande do Norte tentou assaltar um soldado. Onde chegamos? Estados considerados pacatos como o Rio Grande do Norte estão se transformando em violento, principalmente com os freqüentes ataques a terminais de bancos através de quadrilhas especializadas. A Polícia Militar, sob o comando do coronel Francisco Araújo e a Polícia Civil, através do secretário Aldair Rocha tem feito o possível para combater o crime no Estado, mas esbarram na falta de condições de trabalho. Enquanto isso, a bandidagem está solta, assaltando, roubando e matando pais de famílias. Parece ser um problema sem solução.

Confirmada candidatura

Magnólia Figueiredo, atleta que projetou o Rio Grande do Norte e o Brasil no mundo inteiro decidiu entrar na política partidária. Filiou-se ao PMDB a convite dos líderes, senador Garibaldi Filho, deputados Henrique Eduardo, Hermano Morais e do vereador Luis Carlos. Será candidata à vereadora nas eleições deste ano. Eleita, Magnólia tem condições para desenvolver um bom trabalho no legislativo municipal.

Sexta-feira

Hermano afirma que ex-prefeito está incomodado com candidatura do PMDB CANDIDATO

DO

PMDB

O candidato do PMDB a prefeito de Natal, Hermano Morais, afirmou esta manhã, em entrevista ao Jornal da Cidade, da 94 FM, que o ex-prefeito Carlos Eduardo Alves (PDT) está “incomodado” com sua candidatura porque ele está mostrando que a atual gestão não pode ser responsabilizada pelos problemas estruturais da cidade e que Micarla de Sousa (PV) foi “cria” do ex-prefeito. Segundo Hermano, Carlos Eduardo também está preocupado porque sua candidatura está “sub judice” em função da lei da Ficha Limpa. “Nós estamos com uma campanha propositiva e ele está incomodado porque eu disse que a atual gestão não pode ser responsabilizada sozinha pela atual situação da cidade. Lembrando que quem lançou a prefeita Micarla foi o ex-prefeito Carlos Eduardo. Ela foi vice dele”, afirmou Hermano, durante sua entrevista. Hermano Morais registrou sua candidatura ontem no Tribunal Regional Eleitoral (TRE) e desde hoje pede votos à população. Ele conta com o apoio do ministro da Previdência, Garibaldi Filho (PMDB), e do deputado federal Henrique Eduardo Alves. Além disso, oito partidos apoiam sua candidatura.

DIZ QUE

MICARLA

Arquivo

Hermano Morais registrou a candidatura ontem, no TRE, e hoje já pede votos Atualmente, Hermano está em terceiro lugar nas pesquisas de opinião pública, atrás de Carlos Eduardo e Rogério Marinho (PSDB). Ainda em entrevista à Rádio Cidade, Hermano afirmou que a companheira de chapa do ex-prefeito Carlos Eduardo, ex-governadora Wilma de Faria, “teve anos” para resolver os problemas da cidade, assim como o ex-prefeito, tanto como governadora quanto como prefeita. "Eles querem fazer um revezamento para resolver o que não resolveram. Eles vão voltar com as

JOAQUIM PINHEIRO REPÓRTER DE POLÍTICA

O vereador Albert Dickson, do PP, entende que a eleição em Natal só será decidida no segundo turno e que o candidato a prefeito apoiado pelo seu partido, deputado Hermano Morais, do PMDB, é um dos que participarão do pleito no segundo momento da disputa. “Hermano Morais é o candidato mais preparado, conhece Natal por ter sido vereador e não tem ficha suja. Não tenho dúvidas que esse será o diferencial nesta campanha porque

o povo está exigindo ética e honestidade dos candidatos. Além disso, Hermano tem curso de gestão pública e Natal está precisando de um prefeito com esse perfil”, ressalta o vereador do PP, lembrando que o discurso da campanha eleitoral deste ano será enaltecendo os candidatos ficha limpa. Alberto Dickson, que é médico oftalmologista e encontra-se no exercício do seu primeiro mandato, prevê que o Partido Progressista crescerá nessa eleição, não só elegendo prefeitos no interior do Estado como ampliando a bancada

Voto aberto O Senado aprovou a PEC do voto aberto que prevê sua aplicabilidade nos casos de cassação de mandato. A matéria segue agora para apreciação e votação na Câmara Federal. A deputada Sandra Rosado, líder nacional do PSB, elogiou a decisão.

(

)

LEITURA DINÂMICA t No Gabinete Civil do Governo do Estado está acontecendo uma disputa por espaço e poder entre Sonali Rosado, Gabi Saldanha e o secretário Anselmo Carvalho. Fala-se que o difícil é saber quem manda mais. Enquanto isso, os demais secretários do governo e dirigentes da administração indireta não sabem a quem apelar e em razão disso os problemas e ações de governo são dificultados e ficam sem solução. t O empresário Carlinhos da Biomar, candidato a prefeito de Touros, conseguiu unir no mesmo palanque o PT, PMDB, PV e parte do PR. Estão juntos também no apoio a Carlinhos os ex-prefeitos Josemar França e Heriberto. Durante a convenção que homologou o nome do jovem empresário, os deputados Henrique Eduardo e Fátima Bezer-

ra garantiram apoio ao possível futuro prefeito de Touros. t José Pegado do Nascimento, que vai se engajar na campanha de Carlos Eduardo e Wilma de Faria, foi eleito recentemente presidente do Lions Clube Reis Magos. Juntamente com o Lions de São Gonçalo do Amarante promove uma campanha de doação de mudas, no próximo dia 14, contribuindo assim, para arborizar Natal. t O livro "Política em atos e fatos" autografado recentemente pelo jornalista/escritor João Batista Machado, encontra-se à venda nas livrarias Saraiva e Poty e na banca do Tota em Petrópolis. t Para refletir: "Os verdadeiros analfabetos são aqueles que aprenderam a ler e não lêem". (Mário Quintana)

DE

mesmas promessas. Se ele quiser ficar incomodado que fique. Mas nós vamos buscar o debate com propostas para uma Natal que deseja uma gestão mais ágil”, acusou. INEFICIENTES Hermano Morais também apontou algumas deficiências das gestões de Carlos Eduardo, como na área de regularização fundiária, saneamento básico, drenagem, transporte público e educação. “Temos mais de 70% dos imóveis de Natal em situação irregular, essa

CARLOS EDUARDO regularização podia ter sido feita há muito tempo, pois é um direito do cidadão. O saneamento básico, que é responsabilidade do município, é outro problema. Nós temos 35% de estações de esgoto e apenas 17% de tratamento desse esgoto. A drenagem de Natal não suporta uma chuva. O transporte público. Quais as alternativas foram criadas? A população sofre todos os dias. A educação está muito mal avaliada nas últimas décadas e quem está dizendo isso são os dados do Ministério da Educação é só consultar. Estamos na lanterna da educação e o ex-prefeito quer fiquemos elogiando. Nós vamos mostrar a realidade e apontar as soluções. Vamos fazer uma campanha participativa ouvindo a população. O que é difícil com o ex-prefeito, que não tem diálogo e briga com todo mundo”, afirmou Hermano. “Vamos levantar a autoestima da população de Natal gerando emprego e renda. Queremos construir uma nova realidade não só para os próximos quatro anos, mas com uma visão de futuro que retome a condição do desenvolvimento de forma sustentável. Estamos preparados para disputar a eleição e confiantes, pois temos uma ficha limpa”, finalizou. (AV)

Albert Dickson antecipa: “Eleição em Natal será decidida no segundo turno”

Minha Casa, Minha Vida Mais de 40 municípios do Rio Grande do Norte serão beneficiados com o Programa Minha Casa, Minha Vida 2, do Governo Federal. Hoje a governadora Rosalba Ciarlini assinou o contrato no Centro Administrativo. Serão 1.660 casas com investimentos de 41 milhões de reais repassados pelo Ministério das Cidades.

CURIOSIDADE APENAS O ex-deputado e atual mentor intelectual do governo Rosalba Ciarlini, Carlos Augusto Rosado, assumirá ou não a Chefia do Gabinete Civil?

“CRIA”

> APOIO A HERMANO

Incoerência É interessante. A oposição aos governos Lula da Silva e Dilma Rousseff, que sempre criticou os juros altos praticados no País, agora reclama da política de diminuição da taxa SELIC, determinada pela presidenta da República.

PERGUNTAR NÃO PAGA IMPOSTO

FOI

CASA PARA CLINICA, ESCRITÓRIO DE ADVOCACIA OU EMPRESA PRESTADORA DE SERVIÇOS Aluga-se no bairro de Lagoa Nova, perto de tudo, a pouco mais de 100 metros da Av. Salgado Filho, em rua sem problema de estacionamento, uma casa com 500 m2 de área construída servindo para fins comerciais. R$ 4 mil. Tratar direto com o proprietário pelo tel. 9981-9395.

nas Câmaras Municipais, particularmente em Natal onde espera reeleger os atuais vereadores, Chagas Catarino e ele próprio e mais 2 ou três novos vereadores, entre eles, Paulinho Freire e Rafael Motta. Albert Dickson considera as eleições municipais determinantes para 2014, quando segundo ele, o PP pretende eleger um deputado federal e uma expressiva bancada na Assembleia Legislativa. Concluindo, o vereador Alberto Dickson informa que o PP fará coligação na chapa proporcional com o PTC – Partido Trabalhista Cristã.

José Aldenir

Vereador prevê crescimento do PP


Política

Sexta-feira

Natal, 6 de julho de 2012

O Jornal de HOJE 5

Procuradoria Eleitoral publica listão de Fichas Sujas com mais de mil nomes CONDENADOS NO TCE, TCU, TJ, TRF OU CÂMARAS MUNICIPAIS ESTÃO PASSÍVEIS DE TER CANDIDATURAS IMPUGNADAS Arquivo

Se depender da Procuradoria Regional Eleitoral (PRE), a Lei da Ficha Limpa vai ser aplicada “à risca” nas eleições de 2012. Na manhã desta sexta-feira, o órgão publicou no seu site oficial (www.prern.mpf.gov.br) as listas de pessoas que podem se enquadrar nos critérios de inelegibilidade contidos na nova legislação. Os documentos disponibilizados contêm os dados solicitados pela PRE a diversos órgãos, dentre eles tribunais, câmaras municipais e órgãos profissionais. Com a criação deste site, a PRE pretende propiciar aos promotores eleitorais das 69 zonas do estado subsídios para que possam analisar os pedidos de registro de candidatura e apreciar se há ou não hipótese de inelegibilidade, caso em que poderá ser apresentada a respectiva impugnação ao pedido de registro. Outra finalidade desejada pela PRE é permitir um controle social maior por parte dos eleitores relativamente às pessoas que pretendem ocupar cargos públicos. Para o procurador regional eleitoral Paulo Sérgio Rocha, “a criação do Portal da Ficha Limpa, que torna públicas todas as informações recebidas pela Procuradoria Regional Eleitoral, é importante porque a um só tempo auxilia a atividade dos promotores eleitorais e permite que os eleitores possam ter mais dados a respeito das pessoas que se oferecem como candidatos. Em matéria eleitoral, quanto mais informações for dada à sociedade, melhor”. Ainda segundo a PRE, nem todas as pessoas que constam das relações abaixo são inelegíveis e nem todas as pessoas que são inelegíveis constam da lista abaixo. Contudo, conforme já afirmou o procurador, a intenção é agir de forma “dura” e, basicamente, somente aqueles que tiverem limina-

Divulgação

Procurador Paulo Sérgio acredita que listas vão ajudar eleitores a definir voto

Prefeito Lenivaldo Brasil é destaque por ter condenações no TCE, TCU e TJ/RN

TCU, já conhecidas, a PRE publicou também os condenados em trânsito em julgado pelo Tribunal de Justiça do RN, com cerca de 50 nomes, e pelo Tribunal Regional Federal (TRF da 5ª Região), com outras 14 condenações. "São inelegíveis para qualquer cargo os que forem condenados à suspensão dos direitos políticos, em decisão transitada em julgado ou proferida por órgão judicial colegiado, por ato doloso de improbidade administrativa que importe lesão ao patrimônio público e enriquecimento ilícito", justificou a PRE. Nesse caso, ganha destaque o atual prefeito de Pedro Velho, Lenivaldo Brasil Fernandes. O gestor foi condenado, simplesmente, no TCE e no TCU. Até aí sem muitos problemas, afinal, o ex-prefeito José Robenilson, de Bento Fernandes e candidato a reeleição também está. Contudo, Lenivaldo Brasil também foi condenado no TJ e também já foi denunciado pelo Ministério Público Federal (MPF) - não sofreu condenação.

res anulando as decisões, por exemplo, dos tribunais de contas, é que poderão ser candidatos. Vale ressaltar que ainda nesta sexta-feira, no site www.divulgacand2012.tse.jus.br, devem ser publicadas as candidaturas registradas até quinta-feira, último dia permitido. As publicações por meio de editais serão feitas até segundafeira e, a partir daí, começa o prazo para as coligações e os ministérios públicos federal e estadual fazer a solicitação das impugnações de candidaturas. É importante ressaltar também que, conforme o procurador regional explicou, aqueles que se utilizaram de liminar para conseguir a candidatura e passar pelo período de impugnação, não deixam de ser candidatos se essa liminar for cassada durante a campanha. “Poderão sofrer outras sanções, mas não dei-

anula o ato administrativo que o torna inelegível pela Câmara Municipal de Natal. E a ficha limpa alerta que exceções são, justamente, se a decisão que o condenou tiver sido "suspensa ou anulada pelo Poder Judiciário". De qualquer forma, nas várias listas divulgada pelo TCE tem mais de 800 nomes e vários atuais prefeitos, como José Sally (PSB), de Cruzeta; Lanice Ferreira de Macedo (PMDB), de Governador DixSept Rosado; Francisco de Assis Medeiros (PRN), de São Fernando; Jaime Calado (PR), de São Gonçalo do Amarante; Carlos Zamith (PDT), de Barcelona; Ivanildo Fernandes (PP), de Bento Fernandes; Fábio Magno Sabino (PMDB), Jandaira; Nelson Queiroz (PSB), Jucurutu; Luis Benes Leocadio (PMDB), Lajes; Pepeu Lisboa (PP), Passa e Fica; Lenivaldo Brasil Fer-

PGE, CGU E CÂMARAS A PRE publicou também os, aproximadamente, 90 inelegíveis pela Procuradoria Geral do Estado e outros 43 da Controladoria-Geral da União (CGU), porque "são inelegíveis para qualquer cargo os que forem demitidos do serviço público em decorrência de processo administrativo ou judicial". Aqueles que foram condenados pelas Câmaras Municipais também estão em uma listagem, mas à parte. São 25 nomes baseados no fato de que "são inelegíveis para qualquer cargo os que tiverem suas contas relativas ao exercício de cargos ou funções públicas rejeitadas por irregularidade insanável que configure ato doloso de improbidade administrativa, e por decisão irrecorrível do órgão competente (neste caso, a Câmara também competência)".

CIRO MARQUES REPÓRTER DE POLÍTICA

xam de ser candidatos”. TCE e TCU Segundo a Procuradoria Regional Eleitoral, é importante divulgar a lista de condenados pelo Tribunal de Contas do Estado (TCE) e da União (TCU) porque, segundo a Lei da Ficha Limpa, "São inelegíveis para qualquer cargo os que tiverem suas contas relativas ao exercício de cargos ou funções públicas rejeitadas por irregularidade insanável que configure ato doloso de improbidade administrativa e por decisão irrecorrível do órgão competente (no caso, os Tribunais de Contas)". Porém, na listagem é importante lembrar que ainda faltam ser extraídas situações como a do ex-prefeito de Natal Carlos Eduardo Alves, pré-candidato a reeleição e que tem a seu favor uma liminar que

nandes (PV), Pedro Velho; Elson Batista (PSB), Pedro Avelino; José de Nicodemos (PMDB), Rafael Fernandes; Maria José Jacome (PSB), Tenente Ananias; e Expedito Salvino (PR), Venha Ver. Além de gestores municipais, há também nomes de secretários e ex-secretários, municipais e estaduais, que como ordenadores de despesas também podem ter sido condenados: Isaura Rosado, secretária de Cultura de Mossoró; Paulo Linhares, do Instituto da Previdência de Mossoró; Wober Júnior, condenado três vezes como ex-secretário (é candidato a vereador); Ives Bezerra, ex-secretário estadual de Saúde Pública; e Walter Fonseca, atual secretário Municipal de Educação. TJ/RN E TRF5 Além das listas do TCE e

LISTAS INÉDITAS DE CONDENADOS PUBLICADAS PELA PROCURADORIA ELEITORAL TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO RN AARÃO DAMASCENO NUNES AGOSTINHO BERNARDO DE ARAÚJO ANTÔNIO CARLOS PEREIRA DANTAS ANTÔNIO COSTA FILHO ANTÔNIO FAUSTINO DA COSTA ANTÔNIO GILBERTO MARTINS DA COSTA ANÚBIO DE MELO GONZAGA ARNAUD MACEDO DE OLIVEIRA AURÉLIO HONORATO AURINO GOMES DE OLIVEIRA CLÁUDIA MARQUES DE MACEDO COSTA EDNA MARIA ANDRADE DE MORAIS SOUZA EDUARDO TAVARES DE CARVALHO FERNANDA FERNANDES DE CARVALHO FRANCISCA ATAÍDE SOUZA FRANCISCA SUZANA DE MELO SILVA FRANCISCO DE ASSIS PEREIRA DANTAS FRANCISCO GRANGEIRO DINIZ FRANCISCO MARCELO CAVALCANTE DE QUEIROZ FRANCISCO SALES DE QUEIROZ GENIVAL MARQUES DE MACEDO GERMANO DE AZEVEDO TARGINO ILMA ARAÚJO MAIA INÁCIA NORMA DANTAS IONAS CARVALHO DE ARAÚJO FILHO ITAMAR AZEVEDO DE OLIVEIRA JAMELSON INÁCIO DA SILVA JOÃO JOAQUIM CAVALCANTI NETO JOÃO LÁZARO DANTAS JOÃO MARIA DE GÓIS JORGE LUIZ COSTA DE OLIVEIRA JOSÉ CARLOS DE OLIVEIRA JOSÉ DE ARIMATÉIA PEREIRA DANTAS JOSÉ JUSTINO PEIXOTO NETO JOSÉ MARIA SALVIANO DE SOUZA JOSÉ ROBSON DE SOUZA JOSÉ TOVÉNIS FERNANDES FILHO JOSÉ WALTERLER DOS SANTOS SIVA LENIVALDO BRASIL FERNANDES MANOEL CARLOS COSTA DE OLIVEIRA MANOEL MAURÍCIO DE MEDEIROS MARIA FRANCISCA DE MEDEIROS AZEVEDO SINÉSIO HOLANDA REGALADO MURILO CAVALCANTE CABRAL NAIDE OLIVEIRA DOS SANTOS NILSON GUEDES DE CARVALHO NUBIA MARIA LIMA DA COSTA PATRÍCIO JOAQUIM DE MEDEIROS JÚNIOR TRIBUNAL REGIONAL FEDERAL DA 5ª REGIÃO CARLOS ZAMITH DE SOUZA FRANCISCO GOMES NETO FRANCISCO JUCIER FURTADO GIOVANNU CESAR PINHEIRO E ALVES GIOVANNU CESAR PINHEIRO E ALVES GIOVANNU CESAR PINHEIRO E ALVES IVANILDE MATIAS XAVIER MEDEIROS

JOAO BATISTA DE SANTANA JOSE EDILSON ALVES DE MENESES LUCIANO ARAÚJO LOPES LUIS CARLOS VIDAL BARBOSA LUZIA APARECIDA DANTAS DOS SANTOS TULIO ANTONIO DE PAIVA FAGUNDES UBIRACI CAVALCANTE BEZERRA PROCURADORIA GERAL DO ESTADO DO RN ALBA MARIA CAVALCANTE BEZERRA ANA VIRGINIA DE CASTRO FERREIRA ANANIAS QUEIROGA DE OLIVEIRA ANGELO MAXIMO NUNES DE LIMA ANTONIO CESAR MARIANO DA SILVA BOGDAN VASILJEVIC CARLA CRISTIANE SALVIANO DO NASCIMENTO CARLOS ALFREDO DE MORAIS CARLOS AUGUSTO BARROS DA SILVA CARLOS JORGE DA COSTA CLEONE GOMES CAVALCANTE DAVID ARAUJO DELCIDENIA ALVES CAVALCANTE DELISON NUNES VITORIO DIOMEDES DE MEDEIROS GASPAR EDENICE DE BRITO LOPES ENOS ANTONIO DOS SANTOS FRANCINALDO CANDIDO DA SILVA FRANCISCA RICARDO DE SALES E SILVA FRANCISCO CICERO DE LIMA FRANCISCO FERREIRA DA SILVA FRANCISCO JORGE LINS DE OLIVEIRA FRANCISCO JUNIOR RODRIGUES DA SILVA FRANCISCO MARCOS BEZERRA FRANCISCO SOARES DE OLIVEIRA FRANCISCO TAVARES PEREIRA GEILMA APARECIDA BRUNO GEIZA QUEIROZ BORGES GILSON FREITAS DA COSTA GISLENE BRAGA DA NOBREGA GLEIDE GOMES BEZERRA HAILSON CABRAL DO NASCIMENTO HELIO AUGUSTO XAVIER HELIO BEZERRA COSTA IRENE MARIA DA SILVA JAVAN NUNES DE CASTRO JUNIOR JEAN CARLOS LIMA E SILVA JOAO MARIA ALVES DE SOUZA JOAO MARIA DE ARAUJO NUNES JOAO VENCESLAU SOBRINHO JORGE LUIZ FERNANDES JOSE DAVID DE SOUZA JOSE DOS SANTOS BARACHO JOSE FERREIRA DO NASCIMENTO JOSE HUMBERTO MARTINS DA COSTA JOSE LOBO DOS SANTOS JOSE RAULINO DE OLIVEIRA JOSEFA FERNANDES DE LIMA JOSELITO RIBEIRO SALES NASCIMENTO

JUARES JOSE DE QUEIROZ JUSCELINO SEGUNDO DE OLIVEIRA KLEBER ALMEIDA E SILVA LAENIO MENDES DE MEDEIROS LEONARDO ALEXANDRE DA COSTA PEREIRA LIDIANY SILVA VASCONCELOS LUCY FREIRE DA ROCHA SILVA LUIZ ANTONIO DE ALMEIDA LUIZ ANTONIO VIANA DA COSTA MAGNO TEOTONIO DA FONSECA MELO MARCELO ROVERLANDO JORGE DE MOURA MARCILIO FILGUEIRA BRAULINO MARIA DA CONCEICAO SOARES MARIA DAS GRACAS DOS SANTOS PEREIRA MARIA DAS NEVES DANTAS DA SILVA MARIA DEUSA DANTAS MARIA EDNALVA DE MELO SILVA MARIA SILENE DE SOUZA E SILVA MARIA VERONICA DIAS DA SILVA MARIO ZAN PINHEIRO DA SILVA MARLENE GONCALVES MIRANDA MICKAEL GUTHEMBERG ALVES PEREGRINO NETANIA MARIA RAFAEL NUBIA CRISTINA ARAUJO DA SILVA PAULO MARCELO A OLIVEIRA PAULO ROGERIO DA COSTA RANILSON ABILIO DA SILVA REGINALDO CANDIDO NASCIMENTO DE BARROS REJANE TARGINO GOMES CAMARA REVSON VIEIRA RAMOS RICARDO GALINDO DE LIMA ROBERTO CABRAL DE MEDEIROS ROBSON BEZERRA VERDE ROGERIO TAVARES DA SILVA ROZANIA MEDEIROS DOS SANTOS THIAGO FIRMINO DA SILVA VERONICA MARIA DE OLIVEIRA SILVA ZAMENHOFF LEAL RICARDO DE ARAUJO ZULMIRA PEREIRA DA SILVA CONTROLADORIA-GERAL DA UNIÃO ADILSON CORDEIRO DE SOUZA ALVAREZ KELLY ARAÚJO DA CUNHA AMAURÍLIO JOSÉ FERREIRA TELES ANTELMO JOSÉ SCHENFERT ANTÔNIO FÉLIX BARBOSA FILHO ANTONIO FRANCISCO DE MENDONÇA ANTÔNIO MOREIRA FILHO ARLEI HENZEL DA SILVA CRISTOLESSON AMORIM SALES CRISTOLESSON AMORIM SALES DEOCLÉCIO CAVALCANTE DIMAS EMERENCIANO DOMINGOS ALVES DE BRITO ENIO ANGELO DANTAS FERNANDO LUIZ PALHANO XAVIER CABRAL FLAUBER PEIXOTO SOARES LINS FLAVIANO JANUÁRIO DE LIMA

FRANCISCO CARLOS LAGO PICADO FRANCISCO DAS CHAGAS ESTEVAM DE ANDRADE FRANCISCO DE ASSIS VIEIRA FERNANDES FRANCISCO DE MELO SOBRINHO FRANKLIN EURELE DAS CHAGAS ARRUDA IVAN JEUKENS JACKSON WILLIAM MARQUES DE CARVALHO JACLINE MARIA DOS SANTOS JARBAS LUIZ VIEIRA RABELO JOÃO BATISTA DA SILVA JOÃO CARLOS XAVIER JÚNIOR JOSÉ DE ARIMATÉIA SILVEIRA JOSÉ EUCLIMAR DE QUEIROZ JOSÉ ROGÉRIO PEREIRA DE SOUZA JUSCELINO CARDOSO DE MEDEIROS JUVENAL TAVARES DA COSTA FILHO LINDAURA MARIA DE SANTANA MARCELO ANDRADE DOS SANTOS MARCOS PEREIRA MATIAS MARTA PINHEIRO DE MEDEIROS NEY RIBEIRO JOSINO TONIEL FERNANDES DA SILVA JÚNIOR PAULO GEORGE PEIXOTO PEDRO LUIZ CARDOSO DA SILVA VICENTE PEREIRA DE SOUZA VIRGINIA CARVALHO CARNEIRO DE PAULA CÂMARAS MUNICIPAIS AUGUSTO JOSÉ DE AQUINO CIRIACO ALVES DE OLIVEIRA EVARISTO WENCESLAU BATISTA FILHO FRANCISCO ANTÔNIO PEREIRA FRANCISCO GURGEL DE ALMEIDA FRANCISCO JUCIER FURTADO FRANCISCO RODRIGUES ARAÚJO FRANCISCO SALES LÍBANO GERALDO ALEXANDRE MAIA HÉLIO FLÔR DE OLIVEIRA HUDSON MATIAS CAVALCANTE IVAN DE SOUZA PADILHA JOÃO MARIA DE GÓIS JOSÉ EDILBERTO DE ALMEIDA LUIZ ALMEIDA DE AQUINO LUIZ FERREIRA DOS SANTOS MANOEL AGNELO BANDEIRA DE LIMA MARIA IRACEMA NEVES DA SILVA MARIA IRISMAR RODRIGUES DE SOUZA GÓIS MARLON NUNES DA SILVA MOACIR ALVES GUIMARÃES NAZARENO GABRIEL PEREIRA PATRÍCIO JOAQUIM DE MEDEIROS JÚNIOR PEDRO JOAQUIM DE ANDRADE VALDEMAR FREIRE DA SILVA CONSELHOS PROFISSIONAIS PEDRO PEREIA GOMES JÚNIOR


6 O Jornal de HOJE

Cidade

Natal, 6 de julho de 2012

Sexta-feira

Ineficiência da atenção básica é questionada CONSELHO DOS SECRETÁRIOS MUNICIPAIS REPUDIA POSICIONAMENTO DO GOVERNO DO ESTADO E APONTA ATITUDE TARDIA O Plano de Enfrentamento dos Serviços de Urgência e Emergência anunciado na última quarta-feira pelo Governo do Estado continua recebendo o apoio e críticas de diversas entidades. De acordo com o Governo, a decretação de calamidade pública foi causada pelo desequilíbrio entre demanda e procura pelos serviços que o Estado aporta, mas o principal gargalo apontado seria pelo inadequado atendimento na rede de atenção básica. A afirmação foi recebida com indignação e expressada com nota de repúdio pelo Conselho de Secretários Municipais de Saúde do Estado do Rio Grande do Norte (COSEMS/RN). De acordo com a presidente Solane Costa, o Conselho é a favor do Plano apresentado, mas não pode arcar com o ônus dos problemas crônicos da saúde pública. "Não fazemos críticas ao decreto, que deveria ter sido feito no primeiro mês de Governo, e concordamos também com o Plano de Enfrentamento. Mas por ocasião do decreto foi colocado que o município é o culpado pelo caos na saúde pública. Os municípios se sentem ofendidos e injustiçados", afirmou. Ainda segundo a presidente do COSEMS/RN, se for verificado ano a ano será visto que no SIOPS (Sistema de Informações sobre Orçamentos Públicos em Saúde), mais de 60% dos municípios do Estado aplicam mais de 20% dos seus recursos para a Saúde, quando o mínimo é de 15%. "Ficamos mais tristes ainda quando o secretário Isaú falou que a dívida do governo com os municípios não era tão grande. Desde 2010, o governo tem uma dívida de R$ 48 milhões referente a repasses para a atenção básica e assistência farmacêutica. São três trimestres de 2010, quatro trimestres de 2011 e dois trimestres de 2012. Os Hospitais Regionais também não tem cumprido seu papel de qualidade e resolutividade e por isso não dão resposta. Se tivessem funcionando adequadamente, o usuário não iria para o Walfredo Guregl. Não é o município que encaminha é o usuário que vai. Os municípios fazem referência para cirurgais eletivas". Solane também destaca que 100% dos municípios que tem menos de 20 mil habitantes tem

Herácles Dantas

Wellington Rocha

FERNANDA SOUZA FERNANDASOUZAJH@GMAIL.COM

Wellington Rocha

Solane Costa afirma que municípios fazem mais do que podem. Elke Cunha observa que plano não prevê atenção aos recursos humanos. Geraldo Ferreira reafirma: Decreto é um manto para acobertar o Governo 100% de atenção primária. "Se formos fazer um recorte histórico são os municípios que elevam os indicadores de saúde. Somos parceiros do Governo, mas isso não dá o di-

reito de colocar a culpa em nós. Não é justo dizer que o Município não cumpre o seu papel. Se o gestor federal ou estadual não dá conta, o Município dá conta. Men-

salmente temos que onerar nossos cofres municipais fazendo tomografia, que não seria de responsabilidade do Município. Para se ter uma ideia, todos os anos entre

julho e agosto todos os municípios do País com mais de 30 mil habitantes recebem visita do PMAC (Programa Nacional de Melhoria do Acesso e da Quali-

dade da Atenção Básica) do Ministério da Saúde, e recebemos para cada equipe R$ 7.100,00 quando para dar conta gastamos no mínimo R$ 25 mil".

Sindsaúde é contrário ao decreto de calamidade no setor De acordo com o Sindsaúde, o decreto deveria ter sido feito pelo há menos um ano e meio e não com mais de um ano de Governo, o que causou o agravamento da situação. Também de acordo com o documento, a situação da saúde vem se agravando diariamente e não é algo que não pudesse ter sido previsto com antecipação e gerado um planejamento por parte do Governo estadual. Outra questão apontada pelo sindicato é que o decreto pode seria uma manobra para dispensar as licitações da área e fechar contratos com empresas privadas e Organizações Sociais de uma forma intensificada, como já foi autorizado através de uma lei aprovada na Assembleia Legislativa. A nota também aponta como "caráter privacionista do governo" a ação de construir um Hospital de Trauma através de uma

Parceria Público Privada e que os contratos emergenciais a serem feitos servirão para endividar ainda mais o Governo e onerar os cidadãos. O Sindsaúde também contesta que o plano emergencial apresentado não contempla um plano para os servidores. "Não é possível melhorar um serviço sem valorizar a mão de obra. Os servidores da saúde continuam recebendo baixos salários, não houve adequação no plano de cargos, são submetidos a jornadas de trabalho pesadas devido à falta de pessoal e a não convocação de concursados. E para completar o governo vem retirando o adicional de insalubridade dos profissionais que já são expostos a riscos diários e não estão tendo mais o direito de uma compensação financeira", disse a presidente do Sindsaúde, Sônia Godeiro. Elke Cunha, representante da

Comissão de Saúde da Ordem dos Advogados do Brasil do Rio Grande do Norte (OAB/RN), explicou que a OAB está dando apoio ao plano, mas ainda não teve espaço para discuti-lo. "Temos que apoiar neste primeiro momento. Passamos vários meses pedindo mudanças, fazendo críticas e a apresentação do plano é positiva. É uma atitude madura e responsável da OAB, mas há vários questionamentos a serem feitos. Entre os 23 hospitais regionais, sete vão ser reestruturados, mas e os outros? Falta no Plano o que será feito com os regionais que não são viáveis, que devem ser transformados em algo diferente, como uma UPA". Outra questão citada por Elke Cunha trata dos recursos humanos. "O Ministério Público do Trabalho tem R$ 3 milhões de multas trabalhistas e direcionou para

o Varela Santiago, para o Walfredo Gurgel e para o Maria Alice Fernandes. No caso do Maria Alice é destinado à construção de uma unidade de respiração mecânica que visa desafogar os leitos de UTI. Mas para utilizar os recursos, o Estado não cumpriu uma das exigências que era direcionar os recursos humanos para lá. Então como é que vai fazer agora?", indagou. SINMED Já Geraldo Ferreira, presidente do Sindicato dos Médicos do Rio Grande do Norte (Sinmed/RN), acredita que o plano pode ser uma manobra do Governo para encobrir políticas repudiadas pelos médicos. "O Governo fala em profissionais subutilizados, mas para nós isso é sinônimo de fechamento de serviços. Também nos preocupamos quanto a questões como com-

pras sem licitação, contratação sem concursos e ainda com a entrega da área do estádio Juvenal Lamartine à especulação imobiliária, em troca da construção de um hospital na zona Norte, em parceria público privada. Acho que o decreto é um manto para acobertar o Governo". Questionado sobre o déficit de médicos na rede pública e a necessidade de uma maior demanda, Geraldo Ferreira destacou que o intuito é continuar praticando o fechamento de serviços e transferência dos profissionais para outros setores. "O Governo já fechou o setor de pediatria do Walfredo Gurgel e do Deoclécio". Na próxima segunda-feira o Sinmed realiza assembleia para avaliar o movimento grevista e apresentar novidades sobre a interdição trabalhista de setores hospitalares nas cidades de Natal e Mossoró.

> SEM ESCLARECIMENTOS

Urbana volta atrás e reintegra 17 dos 29 demitidos Na manhã desta sexta-feira (6), um grupo de funcionários da Urbana, entre demitidos e reintegrados, visitou O Jornal de Hoje para responder os argumentos colocados pelo presidente do Sindicato dos Empregados em Empresas de Asseio, Conservação, Higienização e Limpeza do Rio Grande do Norte (Sindlimp), Wilson Duarte, e pela Urbana. Nas declarações, publicadas em reportagens neste vespertino, o Sindlimp e a Urbana justificaram as demissões dos 29 servidores concursados da Companhia e responderam outras denúncias. No dia cinco de julho deste ano, vários integrantes do grupo dos desligados procuraram a empresa em busca de documentos de "nada consta" da empresa, como prova de que não enfrentaram nenhum tipo de processo administrativo durante o desempenho das suas atribuições. O resultado foi que o histórico deles estava limpo, sem as acusações colocadas pela empresa no memorando que listava as razões da demissão. Contudo, os que foram reintegrados que fizeram a mesma solicitação, entretanto, não obtiveram o documento. O grupo afirmou, ainda, que nenhum deles passou pela comissão paritária composta por dois integrantes do Sindlimp e dois da Urbana, ao contrário do que foi dito pela Urbana. No que tange a indenização de R$ 700 mil exigida por alguns dos demitidos - dentre elas, a jornalista Izabel Melo, que também foi aprovada no concurso da Urbana de 2005 - citada pelo presidente do Sindlimp em entrevista a O Jornal de Hoje, a própria Izabel relata que, na verdade, este é um processo antigo, averbado antes mesmo da con-

José Aldenir

Comissão formada por servidores demiditos e reintegrados à Urbana denuncia que a gerência de Recursos Humanos da Companhia não libera o “Nada Consta” vocação dos concursados. Não se tratando, portanto, de motivos banais. Na explicação dela, o processo foi ajuizado em 2009, por ela e mais cinco colegas aprovados no mesmo concurso, por um único motivo: no Diário Oficial foram convocados candidatos aprovados até a 143ª posição. Todavia, depois, exatamente em nove de dezembro de 2009, foi chamado o candidato aprovado na posição 262ª, mas os demais, aprovados em posições anteriores, não foram convocados. Eles ficaram preocupados principalmente porque o prazo para convocação do concurso expiraria em maio de 2010. Assim, o grupo entrou com a denúncia no Tribunal de Justiça e obteve do juiz da 3ª Vara Cível,

Carlos Adel Teixeira, a decisão de que todos os concursados fossem não apenas convocados, mas também nomeados e empossados até o prazo de 10 de maio de 2010. Em caso de descumprimento, seria imputada multa diária de R$ 1 mil. Na sua réplica, a Urbana teria alegado, de acordo com Izabel, que não convocaria os aprovados antes do número 262 porque ainda estava dentro do prazo para convocação. Após aproximadamente sete dias, a empresa convocou mais 300 aprovados. Como nenhum dos concursados foi nomeado nem empossado até hoje - apenas convocado - o processo, assim como a multa diária, desde o dia 24 de outubro de 2010, em vigor até os dias atuais. "A partir do momento em que fossemos nomeados e empossados, a

Urbana deixaria de pagar a dívida", opina ela. Um dos que procurou o Sindlimp em busca de defesa e foi convocado de volta - que prefere não se identificar - disse que os critérios para que eles fossem chamados de volta estavam obscuros. Ele lembra que no dia da demissão, os garis haviam sido chamados para participar de uma assembleia do Sindlimp. "Estava tão tranquilo de que não seria demitido que fui olhar a lista só para ver se tinha algum conhecido. Minha surpresa foi ver meu nome lá. Fui orientado a procurar o setor pessoal e lá, me disseram que eu só saberia a causa real da demissão se assinasse meu aviso prévio. Na hora, fiquei sem saber o que fazer, fiquei desesperado", descreve.

Ele disse ter se sentido muito injustiçado. "Tenho cinco anos de empresa, e nunca fui chamado a atenção. Meus superiores sempre me elogiaram e ficaram surpresos quando souberam da minha demissão. Lá, a gente trabalha sempre sob ameaça", reclama. No mesmo dia em que soube da demissão, ele procurou o Sindlimp, e disse ter sido orientado a buscar a assessoria jurídica do Sindicato. Assim que retornou ao trabalho, pediu o 'nada consta' à Gerência de Recursos Humanos, especificamente ao auxiliar Gerson Cordeiro Neto, porém, não conseguiu obter o documento. No memorando onde estavam listados os motivos das demissões - fornecidos para O Jornal de Hoje pelas suas fontes - estão listados: insubordinação, faltas, exigências

de mudança de função e desvio de função. De acordo com a fonte, há 38 pessoas concursadas da Urbana lotadas em outros órgãos distintos ou com funções discernentes da de gari (como cozinha, segurança e fiscal) em real desvio de função, e que não foram desligadas. O grupo insatisfeito registrou uma série de denúncias - entre as citadas na reportagem e muitas outras - no Ministério Público do Trabalho e Ministério Público Estadual. O Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Natal (Sinsenat) irá entrar com a petição exigindo a ciência dos critérios usados para as demissões e reintegrações. O OUTRO LADO A Gerência de Recursos Humanos da Urbana, por meio da assessoria de imprensa do órgão, disse que realmente não foram nomeados porque se trata de uma empresa de economia mista - e não pública - pois eles tinham carteira assinada. Os garis não são nomeados porque são regidos pelas leis trabalhistas, diferentemente dos servidores públicos. Ainda através da assessoria de imprensa, o presidente da Urbana, João Bastos, explicou que a empresa reavaliou a demissão dos garis através de uma ferramenta jurídica chamada Defesa Administrativa com Avaliação dos Encarregados. Isso significa, em outras palavras, que eles fizeram um novo processo para reavaliar a situação dos demitidos de um a um, e decidiram chamar 17 de volta. Sobre a denúncia de assédio moral, o presidente da Urbana disse que vai investigar, mas afirmou que os garis poderiam ficar à vontade para ingressar com processos trabalhistas.


Economia

Sexta-feira

HOJE na Economia MARCOS AURÉLIO DE SÁ

administracao@jornaldehoje.com.br

Direção da Anorc se reúne com secretário da Agricultura para tratar da Festa do Boi 2012 n A nova Diretoria da Associação Norte-rio-grandense de Criadores (Anorc), encabeçada pelo agropecuarista Júnior Teixeira, fez na manhã de hoje uma visita ao secretário estadual Betinho Rosado (da Agricultura, da Pecuária e da Pesca), que convocou para participar do encontro os dirigentes de todos os órgãos vinculados à sua pasta - entre eles os presidentes da Emparn, Emater/RN, Ceasa/RN e Idiarn - bem como os demais ocupantes de cargos de direção na estrutura da Secretaria. n Betinho externou a satisfação em receber o comando da entidade representativa do empresariado rural potiguar e manifestou sua disposição de ampliar e aperfeiçoar as parcerias que a Secretaria da Agricultura vem mantendo tradicionalmente com a Anorc, que em regime de comodato com o governo do Estado vem cuidando há quase vinte anos da administração do Parque de Exposições Aristófanes Fernandes, em Parnamirim. n O presidente da Associação, Júnior Teixeira, além de agradecer a atenção com que a nova Diretoria da Anorc foi recebido pelo secretário e seus principais auxiliares, aproveitou a ocasião para anunciar que este ano a Festa do Boi (como é mais conhecida a Exposição de Animais e Máquinas Agrícolas do Rio Grande do Norte), agendada para o período de 11 a 20 de outubro, estará celebrando a sua 50a edição. Chuvas no Litoral Leste e em parte do Agreste animam classe agropecuária do RN n A chegada - mesmo atrasada - das chuvas aos municípios do Litoral Leste do Rio Grande do Norte (desde a fronteira com a Paraíba até a cidade de Touros), bem como a boa parte da região Agreste, está propiciando um grande alívio aos agropecuaristas, inclusive a muitos cujas fazendas se situam no sertão, onde praticamente não ocorreu inverno este ano. n Do final de maio para este início de julho os índices pluviométricos já ultrapassam os mil milímetros em municípios como Parnamirim, Nísia Floresta, São José de Mipibu, Goianinha, Arez, Canguaretama, Bahia Formosa, entre outros, e se aproximam dessa marca em Ceará-Mirim, ExtreHapvida ganha do Nordestão o prêmio "Fornecedor do ano" n Operadora de planos privados de saúde Hapvida recebe esta noite, no Centro de Convenções de Natal, o troféu "Fornecedor do Ano 2012", na categoria "Serviços de Saúde", outorgado pelo grupo Supermercados Nordestão, que anualmente agracia seus melhores fornecedores e prestadores de serviço. n A Hapvida presta atendimento médico e hospitalar aos mais de 2,2 mil empregados do Nordestão desde 1999. n Na cerimônia de premiação, que marca o início das comemorações pelos 40 anos de fundação do Nordestão, a Hapvida será representada por Ana Kécia Xavier, diretora do Hospital Antonio Prudente, e Zélia Oliveira, diretora de Relacionamento da empresa no Rio Grande do Norte. Constel garante prazo de entrega do "Manoel Varela" n O edifício "Residencial Manoel Varela", da Constru-

moz, Monte Alegre, Pedro Velho e Pureza. n As chuvas litorâneas, além de assegurarem uma boa safra de cana-de-açúcar, estão servindo para a formação de pastagem em abundância, o que afasta em grande parte o perigo de perdas no rebanho do Estado, coisa que até bem pouco tempo era tido como inevitável. nAo lado dessa ajuda da natureza, os criadores também estão contando com o suporte providencial do programa "Vendas em Balcão", da Conab (Companhia Brasileira de Abastecimento), que está assegurando para o semiárido nordestino na presente seca um volume superior a 400 mil toneladas de milho, cuja comercialização é feita a preço de custo - pouco mais de R$ 18,00 a saca de 60 quilos. n Esses fatores alteram por completo as perspectivas pessimistas que cercavam a realização da Festa do Boi 2012, o maior evento agropecuário do Estado. Grupo Queiroz Galvão terá 4 parques eólicos no vale do Ceará-Mirim até o início de 2014 n Resoluções autorizativas da Aneel (Agência Nacional de Energia Elétrica) assinadas em 22 de maio e publicadas no Diário Oficial da União no começo de junho, garantem a várias sociedades empresariais de responsabilidade limitada constituídas por pessoas vinculadas ao grupo Queiroz Galvão (uma das maiores construtoras do país) o direito de implantar quatro parques eólicos no município de Ceará-Mirim, em terras de Magno Barreto e do espólio de Roberto Varela. n Sob os números 3.489, 3.490, 3.491 e 3.492, as resoluções beneficiam as empresas Central Eólica Albuquerque Ltda., Central Eólica Apellotes Ltda., Central Eólica Arena Ltda. e Central Eólica Anemol Ltda. e permitem que cada uma instale torres aerogeradoras capazes de produzir 30 megawatts de energia para venda no mercado livre. n Os quatro parques deverão entrar em funcionamento no primeiro semestre de 2014, o que significa que terão de ser iniciados a curtíssimo prazo. n Abre-se, assim, uma nova perspectiva de desenvolvimento econômico para a região do vale, hoje vitimada por uma grande crise resultante do fracasso da sua principal agroindústria de cana-de-açúcar.

tora Constel, que já está na décima terceira laje, segue rigorosamente seu cronograma de obras e a entrega dos seus apartamentos ocorrerá em setembro de 2013. n Localizado na zona Sul de Natal, à Rua Deputado Clóvis Motta, o empreendimento ocupa um terreno de mais de 2,6 mil metros quadrados, devendo quando concluído contar com 51 apartamentos de três suítes e três vagas de garagem, além de completa estrutura de lazer. Obrigação de e-CNPJ para empresas com mais de 11 empregados n Desde o dia primeiro deste mês as empresas com mais de 11 empregados estão obrigadas a utilizar o Certificado Digital no formato e-CNPJ para poder acessar o sistema da Conectividade Social ICP-Brasil, onde são realizadas todas as obrigações mensais relativas ao FGTS. n Para os estabelecimentos com até 10 empregados, fica estendi-

do até 30 de junho de 2013 o prazo de validade dos certificados eletrônicos expedidos em disquete regularmente pela Caixa Econômica Federal. n O novo certificado proporciona economia de tempo, desburocratização de processos, autenticação na internet com segurança e implantação de soluções tecnológicas mais avançadas, além da melhor integração das informações disponíveis e visualização de relatórios na web. Trata-se de um dispositivo com validade de até três anos e disponibilizado em software instalado no próprio computador, em pendrive ou cartão com chip. n As empresas que ainda não possuem o Certificado Digital no formato e-CNPJ devem aderir o mais rapidamente possível à novidade, já que sem ele não será possível fazer a transmissão de vários procedimentos, entre eles o envio do GRRF (Guia de Recolhimento de Rescisório do FGTS) e a solicitação do extrato de conta do FGTS dos últimos seis meses.

Natal, 6 de julho de 2012

O Jornal de HOJE 7

Preocupação dos criadores agora é recuperar rebanho ANORC

ESTIMA UMA REDUÇÃO DE ATÉ

500

MIL CABEÇAS Divulgação

MARCELO HOLLANDA HOLLANDAJORNALISTA@GMAIL.COM

Uma pequena comitiva formada por representantes da Federação da Agricultura, Associação Norte-rio-grandense dos Criadores e Sebrae/RN tem um encontrado agendado com a governadora Rosalba Ciarlini para a próxima segunda-feira, quando os temas recorrentes da semana estarão em pauta. Mas, desta vez, ao contrário dos assuntos mais aguardados, como o descontentamento dos produtores com a compra de leite em pó para suprir o rombo de 55 mil litros diários na captação do Programa do Leite, a comitiva preferirá abordar um tema mais abrangente: a diminuição do rebanho bovino com a severa estiagem que atinge o estado, especialmente o Sertão. Não há um informe oficial dessa diminuição em número de cabeças, mas segundo o recém-empossado presidente da ANORC, Júnior Teixeira, a persistir a falta de apoio do governo estadual, trabalha-se com a possibilidade de uma diminuição, até o final deste ano, de 50% do rebanho estimado em 1 milhão de cabeças por fome

Um dos maiores patrimônios dos criadores - os rebanhos - corre sério risco ou abate de matrizes. Teixeira disse, ainda, que a reunião com a governadora girará sob duas vertentes: a recuperação do rebanho, por meio de uma série de medidas para as quais o próprio Sebrae/RN se propõe a colaborar, e o resgate da bacia leiteira, cuja importância econômica é indiscutível para o estado. O presidente da Anorc afirmou que as chuves começaram a cair com mais frequências nos últimos dias, mas só beneficiaram as criações situadas até 60 quilômetros

em linha reta do litoral.E que mais para o interior essas precipitações ou não foram suficientes para formar pastagens ou simplesmente não ocorreram. Teixeira estima que, entre setembro e outubro, poderão ser sentidas as consequências mais graves dessa situação. “Nosso ativo, nossa riqueza, são os rebanhos e se não tomarmos providências urgentes poderemos nos lamentar sobre o futuro que nos aguarda”, disse. Na reunião com a governadora serão discutidos, ainda, formas de crédito para o setor.

>CORPORATIVO

Ecocil tem novo diretor comercial e planos de expansão para 2013 O modelo de negócio é o mesmo, só o sotaque mudou um pouco. Diretamente da Camargo Corrêa Desenvolvimento Imobiliário (CCDI), braço incorporador da tradicional empreiteira que carrega o nome, o carioca Isaias Monte Negro, de 35 anos, acaba de assumir a direção comercial da Ecocil Incorporadora. E chegou com a missão muito específica de reestudar todos os projetos em desenvolvimento da empresa para, segundo ele mesmo define, tirar de cada um deles o máximo valor agregado. "Afinal, foco é uma das grandes qualidades de Isaias e que nos estimulou a comprar o passe dele", diz o presidente da Ecocil Incorporadora, Silvio Bezerra. Isaias Monte Negro desfez as malas há pouco mais de um mês e começou a trabalhar discretamente, passeando por cada um dos empreendimentos da empresa e nos quatro outros que a incorporadora lançará no segundo semestre com VGV (Valor Geral de Vendas) total de R$ 300 milhões. Envolvido no mercado imobiliário desde os 19 anos, Isaias só abandonou as origens quando foi trabalhar na Ambev, a mega cervejaria detentora das marcas mais festejadas do mercado. Mas sem perder o hábito de fazer bons negócios, intermediou a transação de um apartamento para um diretor da Ambev. Aí foi uma questão de tempo sua volta para o segmento de compra e venda de imóveis. A ida para a Ecocil Incorporadora se seguiu a uma série de con-

Cedida

Isaias Monte Negro, direto da CCDI, de São Paulo, para a Ecocil Incorporadora tatos e trocas de e-mail inicialmente com o diretor financeiro da Ecocil Incorporadora, Marcelo Freitas "Sempre tive como projeto pessoal me mudar para o Nordeste, onde estão as grandes oportunidades do momento", diz Monte Negro. "Ainda em São Paulo passei a me interessar por tudo que acontecia em Natal, perguntando sobre os mais diferentes assuntos que mobilizavam a vida do estado", lembra. Isaias Monte Negro vem de um mercado duro, o paulista, onde mesmo uma incorporadora como do porte da Camargo Correia Desenvolvimento Imobiliário, depois de manter desde 2009 sua meta de R$ 1,2 bilhão de faturamento, foi obrigada este ano a corrigi-la para R$ 900 milhões. "A boa cartilha dos negócios recomenda sempre pequenos recuos

antes de grandes avanços", ensina. "No caso da Ecocil, meu novo emprego, isso nem vai ser necessários porque os negócios pelo que estou vendo estão de vento em popa", assegura. Para 2013, a previsão da Ecocil Incorporadora é atingir a meta de R$ 500 milhões, diz Isaias, "mas isso dependerá de algumas variantes, como, por exemplo, o consumidor deixar de dar tanto crédito às noticiais cabeludas que vem de fora, da zona do euro", comenta. E acrescenta: "O que respiramos aqui é um ambiente de crescimento acelerado, especialmente no Nordeste, onde a realidade do crédito está longe de permitir que se pense em bolha de consumo como a que atingiu os EUA durante a crise imobiliária de quatro anos atrás". (MH)

> HABITAÇÃO

Novas casas para 41 municípios A governadora Rosalba Ciarlini assina hoje, às 16 horas, no auditório da Governadoria, o termo de acordo e compromisso do Programa “Minha Casa, Minha Vida 2” para construção de unidades habitacionais em 41 municípios do Rio Grande do Norte, através da Companhia Hipotecária Brasileira – CHB. Serão construídas 1.660 casas com investimento de R$ 41,5 milhões do Governo Federal, através do Ministério das Cidades, e mais R$ 5.999.240,00 por parte do Governo do Estado. As contrapartidas municipais serão representadas por bens ou serviços economicamente mensuráveis, não havendo aporte de recursos financeiros. Além disso, o Estado concederá projeto técnico; assistência técnica e social; e contrapartida financeira de R$ 3.614,00 por unidade habitacional. Os recursos para construção

das casas serão repassados por meio de instituição financeira autorizada pelo Banco Central e pelo Ministério das Cidades, no caso, a CHB. As unidades vão atingir até 50 mil pessoas, com renda bruta familiar até R$ 1.600,00. A prioridade é para portadores de deficiência, idosos e mulheres chefes de família. Os municípios do RN beneficiados com as novas unidades habitacionais através do Programa Minha Casa, Minha Vida 2 são: Alto do Rodrigues, Augusto Severo (Campo Grande), Barcelona, Bento Fernandes, Bom Jesus, Co-

ronel Ezequiel, Coronel João Pessoa, Currais Novos, Espírito Santo, Felipe Guerra, Francisco Dantas, João Câmara, José da Penha, Jucurutu, Luís Gomes, Martins, Nova Cruz, Ouro Branco, Paraná, Passagem, Pau dos Ferros, Pendências, Portalegre, Porto do Mangue, Riacho da Cruz, Santo Antônio, São José do Campestre, São José do Seridó, São Paulo do Potengi, São Miguel, Senador Georgino Avelino, Serra de São Bento, Serra Negra do Norte, Serrinha dos Pintos, Sitio Novo, Taboleiro Grande, Tibau, Umarizal, Upanema, Venha-Ver, Viçosa.


8 O Jornal de HOJE

Natal, 6 de julho de 2012

Cidade

Sexta-feira

Fotos: Wellington Rocha

A professora Rita Luzia apresentou o novo portal na manhã desta sexta-feira, mesmo dia em que as inscrições podem começar a ser feitas

A estudante de Letras, Ana Paula Vieira Florêncio (centro), é a autora da nova marca da Cientec

UFRN lança Portal de Eventos da Cientec 2012 ATRAVÉS DO SÍTIO ELETRÔNICO, INTERESSADOS PODERÃO SE INSCREVER, SUBMETER TRABALHOS E EMITIR CERTIFICADOS ROBERTO CAMPELLO ROBERTO_CAMPELLO1@YAHOO.COM.BR

A Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) lançou na manhã desta sexta-feira (6), na videoteca da Biblioteca Central Zila Mamede, o Portal de Eventos da UFRN. Durante o lançamento também foi realizada a premiação da aluna vencedora do concurso para criação da imagem da Cientec 2012. Semana de Ciência, Tecnologia e Cultura da Universidade, que será realizada de 23 a 27 de outubro. Por meio do Portal de Eventos, sistema criado para otimizar, organizar e administrar a elaboração de eventos da Universidade, os estudantes poderão inscrever, já a partir de hoje,

os trabalhos a serem expostos na Cientec 2012. O portal (www.cientec.ufrn.br) realizará desde inscrições e avaliações, até emissões de certificados, "tudo de forma digital", afirma a coordenadora da Cientec, professora Rita Luzia. "Com todo o processo sendo online facilita a vida do estudante e minimiza o tempo, além disso, nossa expectativa é que tenhamos um maior número de inscritos. Este ano, o portal está em fase experimental, mas a nossa intenção é que o Portal de Eventos se torne um Sigaa dos Eventos, congregando todos os eventos e atividades desenvolvidas pela Universidade", explicou a coordenadora. A professora Rita Luzia ressal-

tou a importância de os Departamentos e Centros da UFRN se mobilizarem para incentivar os estudantes a inscrever os trabalhos para apresentação na Cientec 2012. Ela conta que, este ano, a Semana já conta com parceria da Prefeitura de Natal, do Governo do Estado e de três colégios particulares. "A Cientec consegue reunir os estudantes desde o Ensino Fundamental até os universitários e entendemos que as crianças e adolescentes serão nossos futuros estudantes e é importante que eles se apropriem da universidade e se familiarizem com o ambiente acadêmico", destacou. Este ano, o tema escolhido da Cientec é "Energias: Sustentabilidade, Desenvolvimento e seus Im-

pactos", uma homenagem ao Ano da Energia Sustentável para Todos, proclamado pela Organização das Nações Unidas (ONU). Rita Luzia conta que está no processo de escolha dos palestrantes. Entre os possíveis nomes estão o da presidente da Petrobras, Graça Foster; Edilson Lobão, ministro de Minas e Energia; o professor da UFAL e representante dos países da América do Sul na Comissão de Climatologia na Organização Meteorológica Mundial, Luiz Carlos Mollíon; o secretário executivo do Ministério de Minas e Energia, Mario Pereira Zimmermam; e o gerente florestal da Faber Castell, Marcelo Langer. Além disso, a expectativa de que o Greenpeace possa participar da Cientec, com ofi-

cinas e palestras, e também haverá uma exposição de otorrinolaringologia. A nova imagem da Cientec foi criada pela estudante do curso de Letras - Língua Portuguesa, Ana Paula Vieira Florêncio Wanderley de Andrade. Ao todo, foram mais de 50 trabalhos inscritos, cuja avaliação levou em consideração critérios como legibilidade, aplicabilidade, criatividade e temática voltada para o tema da Cientec. Como prêmio, a vencedora ganhou um computador e rodízio em uma churrascaria. "Em 1988, já houve esta mesma iniciativa e pensamos em resgatar. É importante que a imagem fosse feita pelo próprio aluno para que ele possa

fazer parte do processo e se sinta inserido", destacou a coordenadora da Cientec. Entre as dez propostas finalistas, a estudante Ana Paula conseguiu emplacar dois trabalhos. "Isso mostra que conseguimos escolher o melhor projeto", afirmou. Dentre as ações que serão realizadas na Semana de Ciência e Tecnologia e Cultura está programada Reuniões Acadêmico-Científico, de 23 a 26 de outubro, Feira do Livro, Marco e Feira do Estado, que também acontece de 23 a 26 de outubro, a Cientec Cultural, de 23 a 27 de outubro, o Festival Universitário da Canção, que será realizado no dia 27 de outubro, e a Abertura da Semana do Servidor, também no dia 27. José Aldenir

> COMEMORAÇÃO

Dona Otília Oliveira completa 102 anos com alegria e lucidez Seis de julho: uma data muito importante a ser comemorada pela família Pina de Oliveira. O motivo da comemoração? Festejar mais um ano de vida da matriarca, Otília Pina de Oliveira, que nasceu no ano de 1910, na cidade de Santo Amaro/SE e completa hoje, 102 anos. Com um sorriso no rosto, muita simpatia e invejáveis disposição e lucidez, a centenária aniversariante, Otília Pina de Oliveira abriu a porta de seu apartamento para receber a equipe de reportagem deste vespertino e contar um pouco da sua longa e feliz história de vida. Carinhosamente chamada de Titi por alguns familiares, Dona Otília viveu na pequena cidade de Santo Amaro, em Sergipe, até os 17 anos, quando foi morar na capital sergipana, Aracaju. Aos 19, ela casou com Benjamim Pina e passou a acompanhar o esposo em várias viagens. Com ele, teve 5 filhos, dois homens e três mulheres, mas o primeiro faleceu ainda bebê. Com os

quatro filhos criados, a família foi aumentando. Hoje, Dona Otília pode dizer que deu origem a uma grande família de quatro filhos, 15 netos, 24 bisnetos com mais dois a caminho e um tataraneto. O estado da Bahia acolheu Dona Otília por 40 anos, onde morou em cidades como Ilhéus e Itabuna, mas foi na capital Salvador onde ela passou a maior parte do tempo. Ao lembrar esta época, a simpática Dona Otília aponta para uma foto sua aos 35 anos. "Olha como eu era linda! Fazia sucesso na Bahia!", diverte-se a aniversariante, que já mora em Natal há 32 anos. Dona Otília diz que nunca imaginou que poderia passar dos 100 anos, pois a irmã mais velha morreu cedo, aos 57. "Agora só tenho quatro irmãos vivos", diz. Questionada sobre o que podemos chamar de 'segredo da longevidade', ela afirma que isso não existe ou que, pelo menos, ela não conhece. "Eu nunca bebi nem fumei. Durmo bem

e como bem, inclusive, muita fruta desde pequena. Também trabalhei muito com comércio por mais de 50 anos. Ah, e tomo banho frio sempre, desde que nasci e assim que acordo. Não importa se está chovendo ou fazendo sol, o banho é sempre frio", conta a centenária. A idade de 102 anos poderia pesar um pouco para Dona Otília, mas a sua rotina demonstra que ela não sente este peso nem um pouco. Tudo que ela precisa faz sozinha, gosta de viajar de carro, adora lavar roupa e costurar. Está, inclusive, bordando algumas toalhas para um novo membro da família que está para nascer. "A minha máquina de lavar roupas quebrou, eu aproveitei e lavei tudo. Quando minha filha [Anúbia] chegou, eu já tinha lavado. Também adoro costurar. Faço bordados e ponto de cruz", diz ela mostrando, orgulhosa, as peças confeccionadas por ela. Dona Otília, porém, revela um 'defeitinho', que é desmentido pelo

primogênito. "Sou um fracasso na cozinha", diz ela. O filho, Anatércio Muniz de Oliveira, de 76 anos, diz que isso não existe. "Ela faz um frango muito gostoso", elogia o filho chamado com carinho, de 'neném' pela mãe. Festa de aniversário, este ano, Dona Otília disse que não fará. A companhia dos quatro filhos para ela é suficiente. "Estou cansada de fazer tanta festa. A gente só gasta dinheiro e esse dinheiro vai para onde? Com meus filhos aqui estou completa. Não tem amor maior", diz ela apontando para o filho Anatércio, que é o único que mora em Salvador, distante da mãe. "Ela é meu orgulho em todos os sentidos. Como sou o único ausente, quando eu chego, ela me enche de dengos. O desejo dela é que eu more aqui", diz o filho, que costuma vir a Natal duas vezes por ano, mas que a viagem para passar o aniversário da mãe junto com ela é sagrada.

Dona Otília tem 4 filhos, 15 netos, 24 bisnetos com mais 2 a caminho e um tataraneto

CMYK


Cidade

Sexta-feira

Natal, 6 de julho de 2012

O Jornal de HOJE 9

Como ingressar na universidade: Vestibular tradicional ou Enem? APESAR DA SIMILARIDADE DO CONTEÚDO COBRADO NAS SELEÇÕES, FORMATO DAS PROVAS É COMPLETAMENTE DIFERENTE Fotos: Wellington Rocha

JULIANA MANZANO JULIANA.MANZANO@HOTMAIL.COM

A Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) ainda era a única instituição de ensino superior do Nordeste a adotar o vestibular tradicional como forma de ingresso prioritária para novos estudantes em seus cursos de graduação. Porém, a partir deste ano, a seleção terá novidades, já que 50% das vagas oferecidas serão preenchidas por meio do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Já no ano seguinte, a universidade pretende adotar o Enem como a única forma de ingresso a exemplo de outras instituições como, por exemplo, a Universidade Federal do Semiárido (Ufersa), também no RN. As mudanças serão muitas e, por isso, ainda existem muitas discordâncias e dúvidas sobre o assunto envolvendo instituição, professores e alunos. Quais são as diferenças entre as duas formas de ingresso? A preparação para as provas é a mesma? Qual o tipo de prova mais difícil? Em qual delas a concorrência é menor? Estes são apenas alguns dos questionamentos que estão surgindo na cabeça de quem está tendo que lidar com esta nova realidade. O Vestibular tradicional costuma ser, de certa forma, mais 'aceito' até pelo fato de já ser a forma de ingresso utilizada há décadas. No entanto, a utilização da nota do Enem - por meio do Sistema de Seleção Unificada (SiSu) - para o ingresso na universidade também não pode ser vista como vilã. O 'novo' é visto com insegurança pelos estudantes, uma vez que a prova do Enem traz uma nova proposta e uma mudança de perspectiva de es-

Para o professor do Lógico Cursos Aliados, Frederico Lima, a opção pela dissertação na redação do Enem limita os alunos

Diretor do Call, Rosemberg Ramalho ressalta que mudança aumenta a concorrência

tudo. A preparação é diferenciada, mas o aluno precisa estar envolvido e atento às mudanças. O professor de Redação e diretor do Call Idiomas, Rosemberg Ramalho, diz que a concorrência entre os candidatos será maior, pois candidatos de todo o País poderão concorrer a uma vaga no Estado. Mas, para ele, seus alunos não sentirão muita diferença no que diz respeito ao conteúdo. "Dependendo do curso, a concorrência era de 25, 30 candidatos por vaga. Agora pode ser de 200, 300 candidatos. Por outro lado, não fomos pegos de surpresa e já estamos trabalhando na perspectiva do Enem há dois anos. Mesmo assim, o aluno ainda vai sentir dificuldade porque o estilo de prova é diferente, trabalha mais o raciocínio, além do núme-

trabalho em cima de um único gênero", diz o docente, acrescentando que a equipe de docentes que integra também vem se preparando para a mudança há dois anos, pois sabia que seria inevitável. Pelo segundo ano consecutivo, o estudante Rafael George Costa de Oliveira, de 18 anos, irá concorrer a uma vaga para o curso de Medicina. Para ele, este será o ano mais sobrecarregado, já que a UFRN irá oferecer duas formas de ingresso e o aluno terá que estar preparado para ambas. "Iremos fazer provas do Enem e do vestibular tradicional e como cada uma é de uma forma, é preciso estar preparado física e psicologicamente, além de ter muito conhecimento", explica o aluno. Ele diz que a prova do Enem re-

ro exagerado de questões, que são 180 objetivas mais a redação em apenas dois dias", explica. Sócio do Lógico Cursos Aliados e professor de Português, Frederico Lima, reforça que é preciso dedicação e preparação. "A configuração da prova é diferente. O Enem utiliza áreas de conhecimento e usa os conhecimentos de uma disciplina para outra. Então, é preciso que, assim como sempre foi com o vestibular tradicional, o aluno também se prepare para o exame. Não existe vaga para todo mundo e os alunos aprovados são aqueles que compõem um grupo seleto", afirma Frederico Lima. Questionado sobre a prova de redação do Enem, Rosemberg Ramalho explica que, diferente da UFRN que trabalha normalmente

Presidente da Comperve orienta candidato a concorrer às vagas pelas duas formas de ingresso Para 2013, a UFRN irá oferecer 6.209 vagas distribuídas nas diversas áreas de conhecimento e campi. Destas, 3.015 serão oferecidas por meio do processo seletivo tradicional, sendo que os aprovados por este meio devem ingressar no primeiro semestre letivo de 2013. O restante das vagas terá o Enem/Sisu como forma de ingresso e, na maioria delas, os aprovados irão iniciar as aulas no segundo semestre do ano. A presidente da Comperve, Magda Pinheiro, alerta que para que o aluno concorra às vagas de forma integral, é preciso concorrer pelas duas vias de ingresso. "Muita gente ainda acha que deve escolher entre o Enem ou o vestibular. Mas o candidato pode - e deve - concorrer das duas formas para ter a mesma chance que teve, por exemplo, no ano passado. Concorrendo pelo vestibular, o aluno irá disputar cerca de 3 mil vagas e, pelo Enem, as outras 3 mil", explica a presidente da Comperve, acrescentando que a 'fórmula' do vestibular não sofreu alterações. O edital para o processo seletivo do Vestibular 2013 da Comissão Permanente do Vestibular foi divulgado no último dia 25 e pode ser

conferido no endereço eletrônico www.comperve.ufrn.br. As inscrições podem ser feitas de 23 de julho a 27 de agosto e custam R$ 110. A UFRN abrirá, este ano, vagas para um novo curso, o de Bacharelado em Tecnologia da Informação. O curso, que oferece cerca de 60 vagas para cada uma das formas de ingresso, terá a duração de três anos e ao final deste período, o aluno pode optar por cursar mais dois anos e concluir Ciência da Computação ou Engenharia de Software. Questionada se a utilização da nota do Enem como forma de ingresso na UFRN poderia trazer benefícios ou prejuízos ao aluno, Magda Pinheiro diz que a avaliação é semelhante. "Acredito que permanece da mesma forma porque o Enem é um processo seletivo como o vestibular. Não vai prejudicar nem ajudar ninguém, até porque o estilo de prova é o mesmo da Comperve", diz a presidente da Comissão, com opinião contrária a dos professores. Em relação ao aumento do número de candidatos disputando uma vaga, Magda Pinheiro afirma que experiências em outras universidades comprovam que isso não existe. "Mesmo com o vestibular tradi-

cional, em torno de 10% das vagas são preenchidas por candidatos de fora. No ano passado tivemos um aumento de 2 mil candidatos de outros estados e a prova era presencial. Então não há muita diferença. O que se observa nas universidades que já adotam o Enem para 100% das vagas é que os candidatos que se inscrevem são os mesmos que viriam fazer as provas caso a forma de ingresso fosse apenas o vestibular tradicional", conclui Magda Pinheiro. ENEM Desde 1998, o Ministério da Educação (MEC) realiza o Enem, com o principal objetivo de avaliar as habilidades e competências dos estudantes do país. Contudo, sua proposta é a utilização do exame como forma de seleção unificada nos processos seletivos das universidades públicas federais, democratizando as oportunidades de acesso ao ensino superior. Em mais de 600 Instituições de Ensino Superior (IES) pelo Brasil, o Enem é utilizado como complementação dos processos seletivos e em alguns casos substituindo o método de seleção para o ingresso na instituição. Wellington Rocha

Comperve já divulgou o edital para o Vestibular 2013. Interessados podem se inscrever no período de 23 de julho a 27 de agosto

com dois ou três gêneros textuais, o Enem requer apenas dissertações argumentativas. "O Enem pede sempre dissertação, o que limita muito o aluno. Em princípio o aluno terá mais trabalho porque este gênero é muito 'batido' e torna até mais difícil para o professor trabalhá-lo em sala de aula", diz Rosemberg Ramalho, acrescentando que espera que haja mudanças neste sentido para que o aluno possa ter outras opções. O professor Frederico Lima também tem opinião semelhante. "A dissertação limita o aluno porque de todos os gêneros é o mais fácil de produzir. Há uma quebra de versatilidade e não força o aluno a discutir ideias. Para o professor também é complicado já que ele terá que passar dez meses fazendo

quer tratamento diferenciado. "Apesar de ter conteúdos próximos, é preciso estar bem preparado para ambas às provas. As [provas] discursivas do vestibular tradicional exigem conhecimento muito aprofundado, enquanto que as do Enem são mais cansativas e exigem um treinamento físico também", conclui Rafael Georgs. A prova do Enem é dividida em quatro áreas de conhecimento, que envolvem dez disciplinas: Linguagem, Códigos e suas Tecnologias (Língua Portuguesa e Língua Estrangeira - Inglês ou Espanhol); Ciências Humanas e suas Tecnologias (História, Geografia, Sociologia e Filosofia); Ciências Naturais e suas Tecnologias (Física, Química e Biologia) e; Matemática e suas Tecnologias.


10 O Jornal de HOJE

Natal, 6 de julho de 2012

Cidade

Sexta-feira

Fotos: José Aldenir

Materiais foram apreendidos nesta manhã, por homens da Delegacia Especializada em Falsificações e Defraudações, em Natal e São Gonçalo do Amarante, tendo as diligências resultado na prisão de Victor Carlos Siqueira, que faturava R$ 10 mil/mês

Polícia investiga esquema de estelionato PRISÕES DE DOIS IRMÃOS, EM 14 DE JUNHO PASSADO, FIZERAM COM QUE POLICIAIS DA DEFD INICIASSEM INVESTIGAÇÕES ALESSANDRA BERNARDO REPÓRTER

Policiais da Delegacia Especializada em Falsificações e Defraudações (DEFD) apreenderam vários cartões de crédito em branco, documentos, notas fiscais, computadores, notebooks e outros objetos em casas nos municípios de Natal e São Gonçalo do Amarante, na manhã de hoje. O material estava em poder de pessoas ligadas a uma rede de estelionatários que atuam há vários anos na Região Metro-

politana e que vem sendo investigada há cerca de 20 dias. Um homem foi detido para averiguações, mas deve responder em liberdade. Segundo o delegado titular da DEFD, Júlio Costa, as investigações sobre a atuação dos estelionatários só foi possível após a prisão dos irmãos Luan e Lander Charles Valentim da Silva, em Neópolis. Eles foram presos em flagrante, após tentarem pagar vários galões de gasolina em um posto de combustível usando cartões de cré-

dito clonados, na madrugada do dia 14 de junho. "A partir dessas duas prisões, começamos a investigar a existência de uma quadrilha de estelionatários que roubavam dados pessoais e bancários de pessoas através de equipamentos chupa-cabras, para confeccionar cartões de crédito clonados e, assim, aplicar golpes no comércio de Natal e municípios vizinhos. Não sabemos o valor aproximado do prejuízo provocado pelos falsários ou o número de vítimas, mas, pelo tempo que

eles atuam, deve ser enorme", explicou o delegado. O homem detido durante o cumprimento dos seis mandados de busca e apreensão em São Gonçalo do Amarante, Ponta Negra e Redinha foi identificado como Victor Carlos da Silva Siqueira, 23 anos. Ele é apontado como um dos comparsas dos estelionatários presos e estava em uma das residências visitadas pelos policiais da Defraudações. No local, foram encontrados vários cartões de crédito no nome do rapaz, além de vasto ma-

terial para falsificações de outros documentos. "O Victor confessou que participava do esquema desde fevereiro passado e que ganhava, em média, R$ 10 mil por mês, que gastava geralmente em farras, bebedeiras e mulheres. Disse ainda que só começou a fazer isso porque estava desempregado e sem renda. Ontem à tarde, ele usou um dos cartões clonados em seu nome em um mercadinho da zona Norte, o que comprova a materialidade do crime. Além disso, ele estava com vários

materiais para falsificação em seu poder", afirmou o delegado. Júlio Costa informou ainda que os cartões preferidos pelos falsificadores eram Hipercard sem chips, que não exigiam senha e que eles os usavam para comprar de tudo. "Para se ter ideia, encontramos aparelhos de televisão, geladeira de última geração e até motocicleta tipo cinquentinha, que teria sido comprada por R$ 3 mil, entre outros produtos", explicou. Todo o material apreendido ficará à disposição da Justiça. Wellington Rocha

> NA MADRUGADA

Mistério cerca assassinato de homem no conjunto Potilândia Um crime misterioso foi registrado durante a madrugada de hoje na BR-101, próximo à passarela em frente ao Centro Administrativo do Estado, no conjunto Potilândia, zona Sul de Natal. Um homem foi assassinado com dois tiros no tórax, enquanto trafegava pelo local. A polícia não tem suspeita de quem possa ter cometido o homicídio, que foi notificado na Delegacia de Plantão de Candelária. De acordo com informações da Polícia Militar, que foi acionada por moradores próximos ao local onde o carro da vítima parou, nenhum deles testemunhou o crime, o que dificulta a identificação do possível assassino de Walter Pereira Batista Filho. Também não se sabe o que motivou o homicídio, que, pelas características apresentadas, pode ter sido

encomendado, conforme a polícia. O que se constatou, diante da posição em que o carro da vítima parou, é que Walter trafegava no sentido Parnamirim-Natal, quando seu veículo foi atingido por vários disparos de arma de fogo, nas proximidades da passarela de Potilândia. Dois tiros acertaram o tórax do motorista, que, gravemente ferido, perdeu o controle do automóvel e atravessou o canteiro, parando na rua marginal. Moradores próximos ao local relataram aos guardas do 5º Batalhão da Polícia Militar que só ouviram os barulhos dos disparos de arma de fogo e logo depois, o som de um veículo batendo em algo. Isso fez com que algumas pessoas fossem até a rua para ver o que havia acontecido e encontrassem a vítima com as marcas de tiros

dentro do automóvel. A Polícia Militar suspeita que Walter Pereira Batista Filho já estava sendo seguido pelo seu assassino desde o início do trajeto e que, ao se aproximar do Centro Administrativo Estadual, o criminoso aproveitou a escuridão e o isolamento da área e efetuou os disparos contra o veículo em que a vítima estava. Peritos do Instituto TécnicoCientífico de Polícia do Rio Grande do Norte (Itep) foram até o local do crime e, após a perícia no veículo da vítima, levaram o corpo de Walter para a sede do órgão, no bairro da Ribeira, na zona Leste de Natal. Até o final de manhã de hoje, a polícia ainda não tinha nenhuma pista do que motivou o homicídio ou de quem cometeu o crime.

Moradores da região disseram aos policiais que ouviram disparos e barulho de carro batendo em ‘em algo’

> NOTA DE ESCLARECIMENTO

PM acusado de tentativa de assalto não integra banda A Banda de Música da Polícia Militar, por meio da Assessoria de Comunicação da corporação, divulgou nota oficial informando que o sargento acusado de tentativa de assalto em Natal, ocorrida no último domingo, não participa do grupo há um ano e meio. Conforme o regente da banda, tenen-

te Djair Francisco Dantas, o objetivo é corrigir as notícias divulgadas na imprensa potiguar nos dias 2 e 3 de julho, em que o sargento Gustavo Luciano Oliveira do Nascimento era creditado como integrante da orquestra da PM. De acordo com a nota oficial, o sargento é subordinado direta-

mente à Companhia de Comando e Ajudância Geral desde o final de 2010, quando ele foi desligado da banda por motivos diversos. "Tal esclarecimento faz-se mister devido o nome da Banda de Música está sendo envolvida em tais notícias", afirmou o tenente Dêjair Francisco Dantas.

Na madrugada do último domingo, o sargento Gustavo foi ferido com dois tiros após tentar assaltar o soldado da Polícia Militar Diego Gurgel Passos, no bairro do Alecrim. Conforme relatado pela vítima, o acusado teria apontado uma faca-peixeira para o pescoço do soldado, que estava parado em

frente à casa da namorada, e anunciado o assalto. No entanto, Diego reagiu à abordagem e efetuou dois disparos contra o sargento, que foi ferido no rosto e tórax. Na ocasião, o comandante geral da Polícia Militar no Rio Grande do Norte, coronel Francisco Canindé de Araújo Silva infor-

mou que o sargento Gustavo Luciano já respondia a processo administrativo e que sua expulsão da corporação é certa. Ele afirmou ainda que todos os casos em que há policiais militares em atividade suspeita ou irregular serão apurados criminal e administrativamente.


Cidade

Sexta-feira

Natal, 6 de julho de 2012

O Jornal de HOJE 11

Alex Medeiros alex.medeiros1959@uol.com.br

Lula e Maluf: por que não? Por Guilherme Fiuza O Brasil ético está escandalizado com o aperto de mão entre Lula e Paulo Maluf. O expresidente teria ido longe demais com esse gesto. É uma concessão muito grave para tentar eleger um prefeito, dizem os homens de bem. E o assunto não sai de pauta, com a corrente de indignação se espalhando pela imprensa, pelas escolas e esquinas desse Brasil ultrajado. Todo cientista político teve sua chance de dizer que aquela foto é um divisor de águas no processo ideológico brasileiro, um retrocesso no campo progressista, um monumento ao vale tudo. Mas nunca é tarde para avisar a esta nação escandalizada: o aperto de mão entre Lula e Maluf não tem a menor importância. Um comentarista bradava no rádio um dia desses: "Maluf apoiou a ditadura!" Não, essa não é a grande credencial do ex-governador de São Paulo. Vamos a ela: Maluf é procurado pela Interpol. Independentemente dos resultados dos vários processos de que já foi réu por corrupção, Maluf é símbolo de cinismo e trampolinagem. Mesmo assim, não pode fazer mal nenhum a Lula. O ex-operário que governou o Brasil por oito anos escolheu como um de seus principais aliados José Sarney. Para quem não está ligando o nome à pessoa, Sarney é o protagonista do caso Agaciel Maia - aquele que revelou a transformação do Senado Federal em balcão de favores particulares. Em telefonemas divulgados pela TV em horário nobre, Sarney aparecia usando a presidência do Senado para reger o tráfico de influência na cúpula do Poder Legislativo. Mostrando influenciar também o Judiciário, o parceiro de Lula conseguiu, através do filho Fernando, instituir a censura prévia ao jornal "O Estado de S. Paulo", até hoje proibido de mencionar a investigação dos atos secretos operados por Agaciel. O que fez Lula diante desse escândalo? Disse que Sarney não podia ser julgado como uma pessoa comum. Segurou-o bravamente na presidência do Senado. Até que a tempestade passasse, deu-lhe a mão e não soltou mais. Qual o problema então de dar a mão a Maluf, só um pouquinho, para eleger o príncipe do Enem? O aperto de mão com Sarney incluiu outras manobras típicas da ditadura que Maluf apoiou. Lula mandou sua ministra Dilma Rousseff intervir na Receita Federal para resolver pendências fiscais da família Sarney. Essa denúncia foi feita por Lina Vieira, ex-secretária da Receita, que contou detalhes do abuso de poder da então chefe da Casa Civil. Lina aceitou uma acareação com Dilma, que fugiu (e depois

JANE CALAMITY

Só mesmo no RN um caso vergonhoso de falta de gestão se transforma em estado de calamidade, sem o menor sinal de intempéries, e ainda conta com o beneplácito do Ministério Público e Tribunal de Contas. Ano eleitoral e tudo sem licitação na Saúde.

AVISO

A partir de hoje, convém aos pais de crianças e adolescentes um maior rigor na fiscalização do uso das redes sociais. Os jovens correrão risco de contato com mentiras e bravatas cabeludas no Twitter, Facebook, Instagran, Linkedl, Google+ e outros.

AVISO II

É que está liberada pela Justiça Eleitoral a propaganda dos candidatos a prefeito e vereador não só nas ruas, mas também no mundo virtual. Há candidatos que montaram verdadeiros exércitos de perfis que usarão as redes sociais para sugerir o voto. virou presidente). Quando sua sucessora saiu em campanha, Lula nomeou como ministra-chefe da Casa Civil a inesquecível Erenice Guerra. Braço direito de Dilma, com quem confeccionou o dossiê Ruth Cardoso (contrabando de informações de Estado para chantagem política), Erenice montou um bazar com parentes e amigos no palácio. Apesar de ter afundado crivada de evidências de tráfico de influência, Erenice recentemente foi puxada pela mesma mão que apertou a de Maluf: desinibido, o padrinho já tenta publicamente ressuscitá-la. As aventuras de Dilma e Erenice só foram possíveis com queda do antecessor, José Dirceu - o que mostra uma verdadeira linhagem criada por Lula na Casa Civil. E Dirceu só caiu porque o suicida Roberto Jefferson resolveu atrapalhar um esquema que estava funcionando perfeitamente. Pois bem: no momento em que a Justiça se prepara para julgar o mensalão, maior escândalo de corrupção já visto na República, protagonizado por todos os homens do presidente Lula, o Brasil resolve se escandalizar porque o chefe supremo dos mensaleiros tirou uma foto com Paulo Maluf. É sempre triste deixar a inocência para trás, mas vamos lá. Coragem. Em todo o seu vasto e conhecido currículo, Maluf jamais chegou perto de engendrar um golpe dessa dimensão: o uso do poder central para fazer uma ligação direta dos cofres públicos com a tesouraria do partido do presidente. O malufismo nunca sonhou com um valerioduto. Como se vê, o Brasil, esse distraído, precisa atualizar a legenda do famoso encontro: se quiser continuar dizendo que ali está a esquerda sujando as mãos com a direita, vai ter que inverter a foto. E para concluir o jogo dos sete erros: qual dos dois usou crachá de coitado para vampirizar o Estado? Roubar a boa fé dá quantos anos de cadeia? (GF, no portal da Época)

O jornalista Gilberto Di Pierro enumerou algumas nomenclaturas de igrejas evangélicas que se espalham pelo país: Fiel Até Debaixo D'Água, Arqueiros de Cristo, Coração Reciclado, Pastor Waldevino Coelho, a Sumidade, Cuspe de Cristo.

DEMAIS

E segue a lista: Serpente de Moisés (a que Engoliu as Outras), Caverna de Adulão, Sarça Ardente, Habitantes de Dabir, Adão é o Homem, Favos de Mel, Abre-te Sésamo, Bailarinas da Valsa Divina, O Mundo é Redondo e Pentecostal Marilyn Monroe.

NA FLIP "No caso do Garotinho e do Brizola, eles tentaram estender a experiência varguista de atender à população mais pobre. Ignoraram um pouco o sistema político e os partidos para falar direto com as massas". (Fernando Gabeira, sobre os dois governos no RJ)

JOVENS TALENTOS

A famosa revista literária Granta, com edições nos EUA, Inglaterra, Itália e até na China, divulgou na 10ª Flip uma lista com os 20 melhores escritores jovens do Brasil. O resultado vai provocar bullying na cena literária local, de Petrópolis ao Jiqui.

DELÍRIOS IDEOLÓGICOS

Em 1965 Bob Dylan disse que "as canções não mudam o mundo"; na década seguinte, Raul Seixas ironizou com quem protestava só pra vender disco; nos 80, Cazuza buscou uma ideologia pra viver; e agora, o Egito prova que rede social não faz revolução.

SÓ LEMBRANDO

Anotem, meninos: propaganda não é arte; redação não é literatura; anúncio não é gravura; VT não é cinema; jingle não é música; outdoor não é pop art; folder não é fanzine; painel luminoso não é instalação; e marketing político não é performance.

HUMOR FC

Tuitada do colunista mais irado do Brasil, Joca Kifúria, hoje cedo: "CBF aprova uso de chip para controlar o cai-cai do Neymar". Em outro post, imaginou Robinho avaliando o apagão do moicano: "E diziam lá em Natal que o curió da Vila era eu".

ESPERANDO SEEDORF Torcedores do Botafogo invadiram na manhã de hoje o Aeroporto do Galeão para recepcionar o craque holandês Clarence Seedorf, novo contratado do time alvinegro. Desde as primeiras horas da manhã, as cores branca e negra pintaram o ambiente de desembarque do aeroporto carioca. Até de algumas cidades mineiras partiram caravanas de fanáticos da estrela solitária.

João Ricardo Correia jornalistajoaoricardocorreia@gmail.com / joaoricardocorreia@yahoo.com.br / Twitter: @joaoricardorn

PAVIMENTAÇÃO Com investimentos de R$ 2,5 milhões, a Prefeitura de Parnamirim emitiu na quarta-feira, 4, a ordem de serviço para drenagem e pavimentação de 41 ruas em Cajupiranga. O canteiro de obras será instalado na próxima semana, segundo informou o secretário Naur Ferreira, que representou o prefeito Maurício Marques na solenidade. Naur lembrou que no período de dez anos foram pavimentadas mais de mil ruas em Parnamirim. “Antes, o município tinha apenas 20% de ruas calçadas e agora esse processo se inverteu. As ruas que ainda não receberam calçamento são apenas 20% em função crescimento acelerado da cidade.”mental e do primeiro centro infantil. CONSTATAÇÃO Prefira a qualidade. Viver cercado de gente, como se fosse túmulo de santo em dia de finado, não quer dizer que você é querido. Preste atenção.

Wellington Rocha

COMEMORAÇÃO A Espacial Eventos e a Assurn comemoram o sucesso da Exponor-RN 2012/24ª Convenção Nordeste de Supermercados, Feira de Equipamentos, Produtos e Serviços, que acontecerá de 20 a 22 de agosto no Centro de Convenções de Natal. Além da mobilização dos pequenos supermercadistas e redes locais, algumas das principais indústrias e empresas que atuam em todo o Brasil nos setores de alimentos, produtos de limpeza, equipamentos, bebidas, logística e tecnologia já garantiram seus espaços. PARLAMENTAR A deputada federal Fátima Bezerra será a entrevistada do Programa Papo Cabeça de hoje, a partir das 21h30, na Sim TV. O Plano Nacional de Educação (PNE), aprovado pela Câmara semana passada; a Emenda 71210008 no valor de R$ 22 milhões; sua possível disputa, em 2014, para o Senado, entre outros, são alguns dos assuntos que serão tratados. PREMIAÇÃO O prêmio Santander Universidades prorroga as inscrições até 16 de setembro e convida estudantes, professores e pesquisadores para participar. Este ano, em sua 8ª edição, o diferencial está na distribuição R$ 1 milhão em prêmios, com bolsas de estudos na Babson College, na Iberoamericanas e curso online de empreendedorismo para todos os inscritos, além da criação de uma nova categoria no Prêmio de Empreendedorismo “Jovem Empreendedor Comunitário”. Mais informações no site: http://www.santander.com.br/universidades. BACURAUS Fenômeno político e sinônimo de carisma, no RN, foi Aluízio Alves. Lembro-me de um comício na esquina da avenida 4 com a avenida 7, no Alecrim, em frente à Vila Naval, na campanha de 1982, quando ele disputou o Governo do Estado com José Agripino Maia e terminou perdendo. AA chegava, literalmente, nos braços do povo. O chão tremia. Homens e mulheres choravam. Se mocionavam diante do líder político. Hoje em dia, os eleitores choram é de raiva, de decepção. FORNECEDOR DO ANO O Hapvida Saúde receberá hoje, às 20 horas, no Centro de Convenções de Natal, o troféu “Fornecedor do ano 2012”, na categoria Serviços de Saúde. A premiação é um oferecimento do Grupo Nordestão que, anualmente, agracia os prestadores de serviço da rede. A operadora de saúde trabalha em parceria com a Nordestão desde 1999 e, atualmente, garante o acesso à saúde de 2.200 funcionários da empresa.

DeNão virar a cabeça é só frieira que pega no pé.

PREVENÇÃO Os professores de escolas públicas podem se inscrever até o dia 15 de julho para a o Curso de Prevenção para Educadores de Escolas Públicas. As aulas, na modalidade à distância, vão de agosto deste ano a abril de 2013. A expectativa é de que 70 mil educadores de 14 mil escolas façam o curso, que resulta de parceria entre a Secretaria de Educação Básica do Ministério da Educação, a Secretaria Nacional de Politicas sobre Drogas (Senad) do Ministério da Justiça e a Universidade de Brasília. Mais informações: www.educadores.senad.gov.br.

Lixo em Nova Natal No conjunto Nova Natal, em frente ao Ambulatório Médico Especializado (AME), diversos sacos de lixo davam o tom, na manhã de ontem, do desrespeito com o povo da cidade, que paga impostos e vive cercado de lixo e buracos por toda a parte.


12 O Jornal de HOJE

Natal, 6 de julho de 2012

Cidade

Sexta-feira

Daniela Freire POLÍTICA E SOCIAL - daniela.freirecosta@yahoo.com.br Cedida

w TEM FUTURO Candidato a vereador pelo PP, Rafael Motta, herdeiro político do presidente da Assembleia Legislativa, deputado Ricardo Motta, tem aparecido 'bem na fita'. >>> Nos bastidores, ele é tido como "um político progressista" e até mesmo as lideranças mais expressivas comentam a respeito do "jeito para a política que tem o rapaz". >>> Tanto que o nome de Rafael foi analisado pelo candidato a prefeito Hermano Morais para integrar a chapa majoritária como o seu vice. >>> Mas a vaga acabou ficando para o PSC. A força do segmento evangélico pesou. w ENCARANDO... E por falar em Hermano... >>> ...ele tem batido de frente com o líder nas pesquisas sobre a disputa pela Prefeitura de Natal, Carlos Eduardo Alves, que elegeu o candidato peemedebista como o seu principal 'adversário' nesse começo de campanha. >>> Vestido com uma camisa verde-bacurau, o parlamentar concedeu entrevista hoje cedo ao Jornal da Cidade, na 94FM, e atirou: "O ex-prefeito parece incomodado". >>> Hermano se referia às últimas declarações do pedetista, que o coloca como um ex-aliado da desaprovada gestão da prefeita Micarla de Sousa (Hermano, enquanto vereador, fez parte da base de apoio a administração da Borboleta na Câmara Municipal). "Mas se foi Carlos Eduardo quem colocou Micarla na política! Ele a escolheu como sua vice", lembrou o peemedebista. w ...E GOLPEANDO Hermano foi mais além... >>> ...ressaltou o fato de Carlos Eduardo ser considerado "ficha suja", assunto que, segundo comenta-se nos bastidores, irrita bastante o presidente do PDT no RN. "A candidatura dele está 'sub judice'", disse o deputado. >>> Que ainda enfatizou que Carlos "briga com todo mundo e não tem dialogo com ninguém". w LÍDER ATENTO E quem faz questão de mostrar que está com o nível de entusiasmo elevado em relação à candidatura do PMDB à Prefeitura de Natal é o presidente da legenda aqui no Estado, deputado Henrique Alves. >>> Ele tem acompanhado diariamente os passos de Hermano Morais, opinando e orientando... >>> Hoje mesmo, segundos após o término da entrevista ao Jornal da Cidade, Henrique discou para o seu candidato e elogiou o conteúdo da entrevista. "Pensei que ele estivesse dormindo. Chegou de madrugada de Brasília", comentou Hermano, surpreso com a atenção do seu líder. w APROVEITANDO O ESPAÇO A candidata a vice-prefeita de Natal Wilma de Faria tem elevado o tom nas críticas feitas ao Governo Rosado, principalmente depois de algumas alfinetadas dadas por Rosalba Ciarlini, que lembrou operações da Justiça que investigam a gestão da pessebista, como a Ouro Negro e Foliaduto. >>> Ontem à noite, Wilma aproveitou a repercussão do decreto de calamidade na Saúde do RN e utilizou a rede social para provocar. >>> "O presidente do Sindicato dos Médicos diz que teme que o decreto da governadora seja uma manobra para tirar o foco da 'Operação Assepsia'. Já o deputado Zé Dias critica o caos na saúde e diz que o anúncio do governo de providências é para evitar intervenção federal no governo do Estado. É importante que, agora, o governo garanta a assistência à saúde da população com dignidade e respeito. O povo agradece!", escreveu ela.

Diretor da Funcarte André Miranda e Marinho Chagas prestigiando, nesta quarta-feira, a exposição de Ana Selma Galvão, “Brasil: Origens Futebol Arte”, na Capitania das Artes Bobflash

Cláudio Abdon

Diógenes e Daladier da Cunha Lima marcando presença no lançamento do livro do jornalista Machadinho DeSaboya.com

GIRO PELO TWITTER ...da jornalista política Cristiana Lôbo: "Entre os assuntos mais comentados no Twitter, metade futebol e metade novela. Impressionante!"; ...da ex-governadora Wilma de Faria: "Vale a pergunta: o governo vai destinar R$ 25 milhões para 12 hospitais, enquanto destinou R$ 16,8 milhões para uma Zalix Marinho e Manuela Queiroz conferindo as candidatas ao Miss RN 2012

w ÓTICA BOA DA INFORMAÇÃO O vereador Júlio Protásio, que corre o risco de ser acusado de quebra de decoro parlamentar pelo vereador Enildo Alves, conforme noticiou ontem esta coluna, enviou comentário a respeito do assunto: >>> "Daniela, gostaria de encaminhar nota que já tinha sido distribuída nas redes sociais e divulgada na imprensa sobre a proclamação do resultado da leitura do impeachment. Gostaria que a sua coluna permitisse o contraditório da visão externada nesse espaço sob a ótica governista. Como acredito que seu objetivo é noticiar o fato sobre todos os ângulos lhe envio a minha explicação sobre o episódio: Depois de ver a entrevista do vereador Enildo Alves nos blogs do BG e Thaisa Galvão, o qual me acusava de ter declarado resultado diferente do que foi votado pelos vereadores, acusando- me de ter manipulado o resultado, preciso esclarecer que, a priori, fiquei surpreso como poderia manipular um resultado que eu perdi? Como alguém manipula o voto para perder? Contudo, solicitei cópia da gravação da sessão ordinária, e, acompanhando voto a voto, sem as confusões do plenário, observei que o vereador Aquino Neto chegou na hora da proclamação do resultado e votou (no tumulto não havia percebido isso). Dessa forma, pude ver que fui levado ao erro, assim como os outros vereadores que não suscitaram o erro no plenário. Portanto, o placar foi de 11 votos contrários à leitura do impeachment e 09 votos favoráveis, e não 10x10 como proclamado". >>> Só um detalhe: a coluna não publicou nenhuma informação "sob a ótica governista", como disse o vereador Júlio, apenas contou um fato que está ocorrendo nos bastidores da Câmara Municipal de Natal que Enildo quer pedir quebra de decoro contra o pessebista. w BÊNÇÃO O Arcebispo Metropolitano de Natal, Dom Jaime, abençoou hoje pela manhã, na Catedral, o candidato a prefeito de Natal Rogério Marinho. >>> Além de ter recebido desejo de boa sorte do bispo, o tucano, que fez a visita, teve o projeto de governo elogiado, principalmente na área de prevenção e combate às drogas. >>> Rogério, claro, deixou uma cópia do projeto para Dom Jaime. w SUCESSO ANTECIPADO Natal se prepara para sediar mais um grande evento de setor econômico expressivo. >>> Trata-se da Exponor-RN 2012/24ª Convenção Nordeste de Supermercados, Feira de Equipamentos, Produtos e Serviços, que acontecerá de 20 a 22 de agosto no Centro de Convenções de Natal. Segundo destaca um dos organizadores, o diretor-geral da Espacial Eventos, Neiwaldo Guedes, grandes instituições também já garantiram apoio, como é o caso da Fecomércio, Fiern, Sebrae e BNB. >>> Detalhe: mais de 80% dos estandes comercializados. w BALADINHAS E hoje é dia de música de qualidade no Buraco da Catita. >>> O artista multicultural Antônio de Pádua fará show interpretando chorinhos, frevos, maxixes e baião, numa apresentação de música instrumental de primeira linha. >>> No sábado, amanhã, o local oferecerá muito samba para os presentes. Com a volta dos meninos do Linha de Passe.

Rose Gusmão e Daniela Othon em evento de Adroaldo Tapetes

empresa escolhida sem licitação para o Hospital da Mulher?".


Cidade

Sexta-feira

Natal, 6 de julho de 2012

O Jornal de HOJE 13

Cena Urbana VICENTE SEREJO - serejo@terra.com.br w POBREZA Os sociólogos falam das ilhas de riqueza cercadas de pobrezas por todos os lados que não melhoram a vida do povo. O retrato está na Folha de S. Paulo: 'Sertanejo tem máquina de lavar, mas ainda falta água'.

w PERDA - I É estranho que a OAB, guardiã dos direitos do cidadão, tenha aceitado assinar logo na primeira hora uma posição solidária ao decreto do governo. Pode ter perdido a isenção indispensável de olho da sociedade.

w ELOGIO Uma bela pesquisa e uma bela edição o livro 'Moura e Raposo da Câmara no Rio Grande do Norte', da Colônia à República', do advogado Marco Aurélio da Câmara Cavalcanti de Albuquerque. Nas livrarias.

w PAPEL - II Não para ser contra a intervenção vertical na saúde, mas para ajudar o governo na luta para reverter um quadro grave. Já que antes não assinou a ação do Conselho de Medicina que gerou a mudança de atitude. w FEIO O MP não conseguiu justificar a liberação da gravação invasora da intimidade de um dos acusados. E o pior: não teve o gesto de reconhecer. Caiu no clichê de que não lhe cabe editar. Nem ferir bons preceitos. w NEURA A campanha não está nas ruas, mas seus lanceiros atuam. De todo os lados. Querem saber quem é quem. Ontem, num jantar, um carlista queria saber se Sérgio Pinheiro teve antes ligações com a gestão Micarla. w PANCADA - I No artigo da Folha de S. Paulo o colunista Jânio de Freitas classificou de 'altamente antissocial' a idéia de idade mínima mais alta para a aposentadoria. Culpou Garibaldi Filho, Guido Mantega e Ideli Salvatti. w RETRATO - II Para Freitas, se apoiar, o Governo Dilma retorna ao neoliberalismo que criticou em Fernando Henrique Cardoso. E bateu: 'Onde a pobreza é grande, idade mínima para aposentadoria cria discriminação social'. w BAFO Lançada ainda no Governo Sarkozy, mas só agora aprovada: o motorista francês tem que conduzir no seu próprio carro um bafômetro. Aqui eles acabariam falsificando o equipamento só para deixá-lo generoso.

N

Relatório do inverno

ão gostaria, Senhor Redator, de parecer vaidoso, mas não vou negar: sou pastor de nuvens numa vila muito velha e muito pobre. Não que quisesse, fosse candidato ao cargo ou lutasse para ser. Foi por destino e não por escolha. Fui ficando, esquecido e sozinho na sua solidão sem mágoa, como no poema de Ferreira Gullar, e quando cuidei de mim já não sabia sair. E se pastoro nuvens como se fossem ovelhas é porque nada além de um pequeno rebanho me foi dado ter nestas ruas de cachorros magros e famintos. Outros, como no soneto de Lêdo Ivo, viriam bêbados e enlutados. Eu venho lúcido abrir as janelas das manhãs e muito cedo deixo a primeira nuvem entrar. No inverno, são longos e quietos seus silêncios. Adornados pelo melão de São Caetano subindo nas cercas dos quintais adormecidos e as ramagens das buchas que se enroscam nas latadas. Tão pobre é minha vila que não tem nem aquelas mulheres de vida besta, entre laranjeiras sonolentas, que um dia descobri num poema de Carlos Drummond de Andrade. Para ser pastor de nuvens não precisei ser dono de nada. Só ser íntimo. Das suas manhãs, das suas tardes, das suas noites. De mais nada. Que as nuvens todas vão chegando suaves, e, lentamente, como se balissem. E ficam ali, acocoradas, no frio manso da noite, chamando o dia. No máximo, o latido magro de um cão vadio e triste rasga o silêncio escuro e pobre da noite. E os gatos sem dono que repetem sobre os muros a geometria dos quintais cheios de sono, de malvões e espadas de São Jorge no último orvalho.

Temos poucas coisas, Senhor Redator. E nenhuma riqueza. A não ser o grasnado estridente das gaivotas quando passam em pequenos bandos nos seus vôos rasantes sobre o mar. Ou o trinado banal dos pardais que parecem cair dos beirais em vôos rápidos e desajeitados nos pequenos abismos até o chão. Desconfio, mas só desconfio, é de andorinhas pelo leque de suas caldas a passarada ruidosa que festeja a manhã, antes do sol. E uns poucos bem-te-vis que vão indo embora nesta vila hoje de tão poucas árvores. Ainda vive aqui um pequeno e envelhecido povo feito de pescadores, talvez o último neste beiço de rio e mar. Um tresmalho resiste na pesca de arrastão trazendo gingas, pequenos bagres, algumas vezes, e raramente, um camurim. Os xaréus que eram fartos desapareceram. E mesmo as varas modernas de pescadores de fim de semana só fisgam os pobres barbudos como passatempo. E caícos, Senhor Redator, que é como o pescador chama a miunça dos peixes miúdos e sem valor que sobram no fundo do samburá. Acabou-se o tempo da fartura neste mar antigo. Dos peixes e dos risos fartos que enchiam a vida dos viventes da aqui. O inverno faz medo. Todas as casas vizinhas do mar apagam suas janelas e acendem sensores de olhos vermelhos e miúdos espreitando a noite. Os casais não mais ocupam os alpendres nas horas calmas e clandestinas, feitas para o mormaço do amor. Tudo pode acontecer. De repente soa uma sirene, grita um alarme, ladra um cão raivoso. E o vigia apita, rasgando o silêncio e a solidão da noite.

w BRILHO Nem tudo está perdido. Curta e bem erguida a homilia do padre e escritor João Medeiros Filho quando da celebração dos 120 anos do Tribunal de Justiça. Ele sabe pensar a palavra de Deus e levála aos homens. w LIVRO João Batista Machado avisa: já está disponível nas livrarias Potylivros e Saraiva o livro 'Política em atos e fatos'. Quem preferir também pode adquirir na banca de Tota, esquina da Afonso Pena com a Potengi. w CUIDADO - I A governadora Rosalba Ciarlini precisa redobrar o cuidado nos próximos seis meses, tempo de validade do decreto de calamidade com as compras sem tomada de preço e sem concorrência. Dois únicos riscos. w ALIÁS - II É preciso que o governo investigue se durante a vigência do contrato da Marca o Hospital da Mulher teve equipamentos adquiridos com dinheiro público em nome da Marca. Se há, é o caso de grave prevaricação. w MAIS - III As entidades médicas estão certas: o estado de calamidade é verdadeira, mas não pode ser, nem de longe, uma forma de privatização do serviço público de saúde. Seria o governo desqualificar seu próprio gesto.

Carlos Magno FLASHES DO SERIDÓ - carlosm.dantas@hotmail.com Fotos: Liegebarbalho.com

FELIZES – Prefeito de Santa Cruz, Péricles Farias e a mulher, Olga Medeiros, em recente aparição social. Ele brinda idade nova hoje. (Foto Lourenço).

CASAMENTO – Rafael Luiz e Lenice Karla, em clima de felicidade no seu nupcial, em Florânia. (Foto Cedida)

TINTIM OS PARABÉNS PRA VOCÊ serão cantados hoje o radialista e jornalista Rô Medeiros, Betânia Fernandes Maranhão e a chef Klebeney Nóbrega, duas grandes damas da sociedade seridoense. Amanhã brida idade nova Walquiria Borges Carneiro Costa e o empresário carnaubense Antônio Lopes Neto, leia-se A Caserna. Domingo é dia de parabenizar o produtor cultural sabugiense João Quintino de Medeiros Filho, Marinalva Lopes de Azevedo, Tadeu Melo e a empresária Solange Costa e Silva, umas das mulheres elegantes de Caicó. Terça-feira rasga folhinha o Paulo Tarcísio Cavalcanti, um dos grandes nomes do jornalismo potiguar e o seridoense Mariberto Bezerra Dantas, uma das legendas do empresariado norte-rio-grandense. Quartafeira festeja aniversário o modelo acariense Daniel Dantas, ex-Mister Seridó/RN 2010 e na quinta, a vereadora de Santana do Seridó, Solange Regina de Brito.

BRILHO – Chef Klebeney Nóbrega, sempre uma presença elegante nos eventos sociais do Seridó, rasga folhinha hoje.(Foto Lourenço).

w VAQUEJADA A grande pedida deste final de semana no Seridó é a IX Vaquejada de Florânia, no Parque Venâncio Toscano, que coloca no palco as bandas Pisada de Bakana, Complexo do Forró e Lengo Tengo. w CIDADES DIGITAIS Na lista das 80 cidades nas regiões Norte e Nordeste do País que serão beneficiadas pelo projeto piloto do Programa Cidades Digitais, divulgada esta semana pelo Ministério das Comunicações, apenas um município do Rio Grande do Norte será contemplado. O escolhido foi São João do Sabugi, em nossa região. w MISS ANGICOS 2012 Francisco Oliveira faz festa amanhã, no Clube Municipal de Angicos, para eleger a representante do município no concurso Miss Mundo RN 2013, que ele promove em novembro, em Natal. Depois da eleição, te-

CASAL QUERIDO - Empresário Mariberto Bezerra Dantas e Celi Regina, sempre prestigiando os eventos sociais do Seridó. Ele aniversaria terça-feira.(Foto Cedida)

remos festa com a discoteca Amaricam Dance. w PARABÉNS Quem vai ser muito parabenizado hoje, quando completa idade nova é o prefeito de Santa Cruz, engenheiro Péricles Farias. Pela manhã foi celebrada uma missa em Ação de Graças na Igreja Matriz de Santa Rita de Cássia. w A NOVA RAINHA O Villa Hall do Hotel Villa do Mar foi palco ontem, da escolha da representante do nosso estado no concurso de Miss Brasil 2012. Com organização de George Azevedo, o show de beleza resultou na escolha de Kelly Fonsêca, 23 anos, 1,80m, 59kg, como a Miss RN 2012. As Misses Natal e Mossoró ficaram em 2º e 3º lugares, respectivamente. Entre os interagentes da comissão julgadora, a bela Miss Brasil 2011, Priscila Machado, a empresária Soraya Simoneti e a arquiteta e ex-Miss RN, Olga Portela.

w BODAS O papa da oftalmologia potiguar, o caicoense Ricardo Gurgel de Medeiros e sua mulher, Vânia, um dos casais mais apaixonados e queridos da nossa sociedade, festejam segunda-feira, 34 anos de casados. w MISS SERIDÓ Contagem regressiva para o concurso Miss e Mister Seridó 2012, dia 4 de agosto, no Centro Cultural Erivaldo Freire, em Florânia, reunindo representantes de 18 cidades seridoenses. O local ganhará um cenário todo especial assinado pelo decorador caicoense Emanoel Araújo. O evento tem como parceiros a Clínica de Olhos Santa Beatriz, Aldann Construções, Maré Mansa, Estrela Viva, Matersol, Inaraí Tour, Rede Mais Supermercados, Mash, A Caserna, Portal do Vale e Banda Feras. A equipe de Sinval de Souza é quem assinará o make e hair das candidatas.

A BELA – Kelly Fonsêca, representante de Guamaré, foi eleita Miss Rio Grande do Norte 2012. (Foto Divulgação)

w RAFAEL & LENICE O casamento da turismóloga Lenice Karla, filha de Lídia Neta e Luiz Gonzaga de Medeiros, e o engenheiro civil Rafael Luiz, filho de Rejane de Fatima e Ricardo Luiz Paiva de Medeiros, reuniu muitos nomes conhecidos da sociedade floraniense e convidados de Natal, no Santuário Nossa Senhora das Graças. A recepção ocorreu na Fazenda Juazeiro, nas cercanias de Florânia, com buffet assinado pela dupla Gilson Souza e o chef Erilson Bonifácio(Pinga Fogo). A noiva subiu ao altar usando um vestido em traços românticos em renda renascença, assinado pelo estilista David Bridal. w NIVER Ainda é tempo de parabenizar o cardiologista Marcos Lima, muso da jornalista caicoense Ana Ruth Dantas, que festejou idade nova terça-feira. Ele é candidato a vice-prefeito de Santa Cruz, na chapa do prefeito Péricles Farias, que disputa a reeleição na Capital do Trairi.


14 O Jornal de HOJE

Cidade

Natal, 6 de julho de 2012

Sexta-feira

Binóculo

Viagem & turismo

lira_cris@hotmail.com

Rose Guerra, diretora do grupo MRG e as belas e belos do turismo)

Marcelo Guerra, Geraldo Cavalcante e Rose Guerra, diretores do grupo MRG

BELAS O encontro das Belas do Turismo de Natal do mês de julho recebeu ontem a bela empresária Rose Guerra, diretora do grupo MRG, que contempla os hotéis, Bello Mare, Ponta do Sol Praia hotel, Arena Tower Business com 160 leitos, que será lançado ainda este ano e previsto conclusão em dezembro de 2013, que será o Ibis budget, restaurantes Estupendo e La Via Pane padaria & gastronomia. O encontro aconteceu na La Via Pane, em Petropólis reunindo um grupo seleto do turismo. No encontro Rose falou de sua história no turismo e na ocasião também foi comemorado os dois anos do projeto Encontro das Belas do Turismo de Natal, idealizado por esta colunista. REGULAMENTAÇÃO A presidente da ABAV-RN, Diassis Rosado Holanda, promoveu reunião na segunda-feira(02) com agentes de viagens associados e não associados, com a presença do secretário de turismo do RN, Renato Fernandes e do presidente da Emprotur, Sandro Pacheco. Reunião proveitosa, e bastante prestigiada pela categoria, discutiu um assunto importante, a regulamentação da atividade Sandro Pacheco, Diassis Ro das agencias de viagens,um projeto de lei engasado e Renato Fernandes vetado há dez anos e que poderá ser sancionado pela presidente da República, Dilma Roussef. O secretário Renato Fernandes apoiou os agentes de viagens nesta luta. No dia 18 de julho, a presidente da ABAV-RN, vai estar em Brasília junto com presidentes das abavs estaduais e presidente da entidade nacional para lutar para que seja aprovada. Na reunião, foi anunciada nova associada, a Anauê viagens e turismo de Ana Maria Costa e Decca Bolonha.

DICA

FÉRIAS O SERHS Natal Grand hotel, do grupo catalão SERHS, resort cinco estrelas em Natal, está com uma programação imperdível para toda a família para as férias de julho. Sob o tema “Férias mix”, a programação está recheada de atividades que inclui: aulas de trapézio, aqcua bol, corrida de pogo-bol, show de dança do ventre, show vitrola de ouro, show de tango fusion, além de aulas de dança, música ao vivo, mostras de danças e uma programação muito divertida para as crianças com show infantil, estação de jogos WII e PS3, e uma equipe de recreação para atender e agradar a todos. O SERHS oferece tarifas especiais para quem vai curtir as férias de julho, desde R$390,00 a R$515,00 para cada casal. DIA 14 DE JULHO TEM SAMBÔ EM NATAL! Uma mistura de ritmos com muita alegria e diversão são os ingredientes básicos para o show da banda Sambô em Natal, que acontece no dia 14 de julho, no Quartier - Empreendimento Cyrela Plano & Plano, em Lagoa Nova. O show é uma parceria da Destaque Promoções, 084 Produções e Pé do Palco Produções.

II FESTIVAL GASTRONÕMICO A tríade gastronomia, clima serrano e lazer está de volta. Pelo menos em um dos recantos mais aprazíveis do agreste serrano norterio-grandense, a cidade de Monte das Gameleiras, que promove o seu II Festival Gastronômico e Cultural, de 6 a 8 de julho. Localizada na Borborema potiguar, Gameleiras fica a 125 km da capital Natal, numa altitude de 576 metros com temperaturas amenas e muitos atrativos naturais e turísticos, entre eles a pousada Pedra Grande e a Villas da Serra, localizada na vizinha Serra de São Bento. O festival é uma realização da Prefeitura de Monte das Gameleiras e da Lógica Eventos Culturais, tendo a frente o empresário Walde Faraj, Carlos Lira Jr e a chef Sanylle Faraj, como coordenadora gastronômica. NOVIDADE EM ORLANDO O Freshwater Oasis acaba de ser inaugurado em Orlando, na Flórida. Na nova atração do Discovery Cove, os visitantes têm a chance única de ficar bem pertinho de lontras divertidas e curiosos saguis. O novo espaço de águas mornas é perfeito para relaxar com a família e se divertir ao explorar e conhecer de perto estes incríveis animais. É possível nadar, relaxar e curtir o ambiente. O Freshwater Oasis oferece uma experiência nova a cada minuto.Consulte seu agente de viagens. TERRA BELLA TURISMO TEM PACOTE PARA O MSC FANTASIA Em terras brasileiras, o navio europeu MSC Fantasia. A Terra Bella Turismo, comandada pela Vanessa Gurgel já tem pacote para o roteiro brasileiro .Com 133.500 toneladas, inaugurado em 2008 com 1637 cabines, sendo 1258 externas com varanda, e capacidade para mais de 3.959 hóspedes, o MSC FANTAO casal, Vanessa Gurgel e SIA é uma combinação perfeiIvis e mais Emiliana e José ta de estilo, elegância, moderni- Raimundo Peixoto que viajaram dade, tecnologia, muito entreteno navio MSC Magnifica nimento e excelência gastronômica. O tradicional design italiano, a atenção aos detalhes e a hospitalidade, características marcantes de todos os navios da MSC Cruzeiros, também estão presentes no MSC FANTASIA , proporcionando ao hóspede uma viagem inesquecível a bordo do navio. O grande diferencial do MSC FANTASIA é o MSC Yatch Club, a primeira área VIP criada em um navio. Com 99 suítes luxuosas, um salão com vista panorâmica e bar reservado, serviço exclusivo de mordomo, que auxiliará no check in, transporte de bagagem e servirá o tradicional chá inglês. Além de charutos, licores e champanhes para os hóspedes do Yatch Club.INFORMAÇÕES : FONE: 84-32025584 /84-3202-5584 / 3091-0434 / 8896-9603 / 9452-6205. Saidas: 08 e 15.12 do Porto de Santos(SP).

A presença do Sambô na capital potiguar é sempre sinônimo de casa cheia, já que a banda ao apresentar um estilo inovador no modo de fazer música arrasta multidões. É o "Rock-samba" mais eletrizante do País que fez história com músicas como Satisfaction (The Rolling Stones), Sunday Bloody Sunday (U2) e I Feel Good (James Brown) todas em ritmo de samba.

a é o aguarRTAZ estreia do final de seman ica ún A . hia Ba e nça O QUE ESTÁ EM CA Fra nos Estados Unidos, Gelo 4" (vejam ho, de muita comemoração taz a animação "A Era do car em am nu nti Co Chegamos ao mês de jul . roi tando a história do he ria de Tim Burton Homem-Aranha", recon ras da Noite", nova parce mb "So , len Al dadíssimo "O Espetacular y od Wo Com Amor", de mações exclusivas, ana), o drama "Para Roma Procurados. Nas progra Os 3 ar asc ag na Sessão Filme da Sem ad "M o u?", e a animaçã são Cine Cult. édia nacional "E Aí, Come s Idades do Amor", na Ses "A ce an com Johnny Depp, a com rom o e tt, Sco s", de Ridley ção-científica "Prometheu o Cinemark mantém a fic Fotos: Divulgação

ESTREIA 1: "O ESPETACULAR HOMEM-ARANHA" "O Espetacular Homem-Aranha" é a história de Peter Parker (Andrew Garfield), um estudante rejeitado por seus colegas e que foi abandonado por seus pais ainda criança, sendo então criado por seu tio Ben (Martin Sheen) e pela tia May (Sally Field). Como muitos adolescentes, Peter tenta descobrir quem ele é e como ele se tornou a pessoa que é hoje. Peter também está começando uma história com sua primeira paixão, Gwen Stacy (Stone), e juntos eles lidam com amor, compromissos e segredos. Quando Peter descobre uma misteriosa maleta que pertenceu a seu pai, ele começa uma jornada para entender o desaparecimento de seus pais - o que o leva diretamente à OSCORP e ao laboratório do Dr. Curt Connors (Rhys Ifans), antigo sócio de seu pai. Procurando por respostas e uma conexão, Peter comete um erro que o coloca em rota de colisão com o alter-ego do Dr. Connors, O Lagarto. A direção é de Marc Webb. "O Espetacular Homem-Aranha" estreia nesta sexta-feira, nas Salas 1, 2 e 3 do Cinemark, e nas Salas 1, 4, e 6 do Moviecom. Classificação indicativa dez anos. Cópias dubladas e legendadas, em 2D e 3D. (T.O.: "The Amazing Spider-Man") SESSÃO CINE CULT: "AS IDADES DO AMOR" Roberto (Riccardo Scarmacio) é um jovem advogado ambicioso, que está prestes a se casar com Sara (Valeria Solarino). Ao cuidar de uma desapropriação ele conhece a bela Micol (Laura Chiatti), que vem de uma pequena vila da Toscana e balança seu coração. Nos últimos 25 anos Fabio (Carlo Verdone) tem sido o marido perfeito. Ele é um apresentador de TV de sucesso e, numa festa, conhece Eliana (Donatella Finocchiari). Eles passam a noite juntos, mas o problema maior é que, no dia seguinte, ela se recusa a ir embora. Adrian (Robert De Niro) é um professor de história da arte americano que se mudou para Roma logo após se divorciar. Amigo de Augusto (Michele Placido), o porteiro do prédio onde mora, ele passa a ter sua libido novamente despertada graças a Viola (Monica Bellucci), a filha do colega. A direção é de Giovanni Veronesi. "As Idades do Amor" será exibido na terça-feira e na quinta-feira, na Sala 5 do Cinemark, na sessão de 19h40. Classificação indicativa 14 anos. (T. O.: "Manuale d'Amore 3")

Por Cristina Lira FINAL DE SEMANA

FESTIVAL DO FONDUE De 07 de julho a 25 de julho e durante os finais de semana de julho, acontece o 12º festival de fondue no Hotel Serrano em Martins. Consulte seu agente de viagens e aproveite para curtir o clima frio serrano no interior do Estado e saboreiar delícias. INOVA SOUND PARTY É neste sábado, dia 07, que a Inova Sound Party, festa em formato de festival, vai reunir muita gente jovem e bonita no Espaço Inova, em Emaús. Sete atrações, de todos os ritmos, serão responsáveis por animar a programação. Na grade, Patusco (Recife/PE), Mesa Doze, Pura Tentação, São Jó, além do sanfoneiro Brenno Senna e os DJs Guga Holanda e Fam Matos. Os ingressos estão à venda na Diniz Prime (Midway Mall e CCAB Petrópolis) e no sitewww.inovahomeplace.com.br. GOURMET SOLIDÁRIO O projeto do GACC, Gourmet Solidário, também fará parte do Festival Gastronômico de Monte das Gameleiras que se realiza nos dias 6, 7 e 8 de julho. No Gourmet Solidário, cada restaurante parceiro representado por seu Chef de cozinha elabora um prato especial que tem como critérios: a qualidade do produto oferecido por um preço de baixo custo e algumas das especialidades da casa. A Pizzaria Calígula será a parceira do projeto no Festival com uma pizza de mussarela com ervas frescas, com a compra do prato 10 % da renda serão revertidos para o GACC-RN. SALÃO DA MULHER Pela primeira vez, Natal irá sediar o Salão da Mulher, uma feira de produtos e serviços focada no universo feminino, que hoje é considerado como sendo o maior público formador de opinião do planeta. O evento, que será realizado no Centro de Convenções de Natal, no período de 31 outubro a 4 de novembro, terá a exposição de produtos, serviços e temas focados no interesse feminino, como

moda, produtos de luxo, automóveis, estilo e comportamento, estética, lançamentos, carreiras, direitos, saúde, investimentos e sexo, entre outros. O evento, que deverá reunir cerca de 30 mil visitantes ao longo de sua realização, terá ainda Rodada de Negócios, palestra e workshops, além da exposição de produtos e serviços. BALANÇANDO AS ESTRUTURAS O tradicional Arraiá Balançando as Estruturas, promovido pelo Clube de Engenharia do Rio Grande do Norte, será hoje , 06, na sede do clube (Avenida Rodrigues Alves, vizinho a Cidade da Criança), com início às 22h. As atrações musicais serão Messias Paraguai e Forró Chiado. Além disso, haverá franca distribuição de comidas típicas, sorteio de balaio e quadrilha improvisada. A festa está sendo organizada em quatro ambientes distintos.Informações pelo telefone : 3211-1229 FÉRIAS NORTE SHOPPING O Norte Shopping se prepara para receber a garotada no recesso escolar. Desde o dia 3 até 20 de julho, na Praça de Evento, será criado um espaço completamente dedicado a elas. Na programação de recreação será oferecida uma “Gibiteca”, com um espaço dedicado a exposição e leitura de gibis e leituras rápidas. Haverá ainda “Contação de Histórias” realizada por um recreador, diariamente das 17h às 18h. E a diversão continua, depois da leitura a criançada vai poder participar da oficina “Crie o seu gibi” com pintura de tirinhas. Além disso, o publico participante poderá assistir a vídeos com as “estrelas” das histórias em quadrinho como a Turma da Mônica, Luluzinha e Bolinha, etc... A diversão está garantida diariamente (de 3 a 20 de julho), das 14h às 20h.

Claquete Newton Ramalho

Filme da Semana: "A Era do Gelo 4"

Como já havia discutido em outras resenhas, os estúdios de cinema sempre querem manter os seus principais produtos gerando dinheiro, mesmo que isto implique em seguidas continuações. Como fazer isso sem que se torne uma simples repetição de situações e personagens é sempre um desafio, que, no caso de "A Era do Gelo 4", foi muito bem superado. A grife "A Era do Gelo" é mantida pela Blue Sky Studios, uma terceira força no mundo das animações, competindo com Disney/Pixar e Dreamworks SKG. Assim como a Dreamworks, que surgiu de uma cisão na Disney, com a saída de Katzenberg, que era o presidente executivo, e juntou-se a Spielberg e David Geffen, a Blue Sky também tem raízes no estúdio de Walt Disney. A Blue Sky Studios foi fundada em 1987 por alguns artistas e técnicos que haviam trabalhado na Disney durante a produção do filme "Tron". Assim como a Pixar, o estúdio concentrou-se originalmente apenas em comerciais e efeitos visuais para alguns filmes. O desempenho da empresa foi tão notável que a Blue Sky foi adquirida em 1997 pela 20th Century Fox, para fazer de filmes de animação, resultando no tremendo sucesso de "A Era do Gelo", em 2002. Neste primeiro filme éramos apresentados aos principais personagens, Manny, um mamute que se julgava o último de sua espécie, Diego, um tigre de dentes de sabre que se desgarra do seu próprio bando, e Sid, uma preguiça abilolada, que vivia criando confusões. Esse estranho grupo se une para salvar um bebê humano e devolvêlo aos seus. Permeando essas aventuras, sempre aparecia o estressado esquilo Scrat, criação do brasileiro Carlos Saldanha. O filme seguinte, "A Era do Gelo 2", mostrava o grupo fugin-

do de um imenso degelo que ameaçava destruir todos os animais. Neste filme, também, Manny conhece Ellie, uma fêmea de sua espécie, com que tem todo o tipo de discussão até se tornarem um par romântico. "A Era do Gelo 3", de 2009, já traz grandes novidades. Ellie está grávida e prestes a ter um bebêmamute quando Sid encontra três ovos de dinossauro e termina indo parar em um mundo subterrâneo repleto de animais pré-históricos. Seus amigos vão à sua procura, mesmo tendo que enfrentar imensos perigos. O mesmo acontece com Scrat, que encontra o maior desafio de sua vida, ao conhecer uma esquilo fêmea que vai levá-lo à loucura - literalmente. No filme atual, é o mesmo Scrat quem provoca a situação que afetará todos. Ao tentar enterrar a sua querida noz, ele provoca uma série de rachaduras que irão causar a separação dos continentes. Nossos personagens principais continuam unidos, e além dos mamutes Manny (Ray Romano/Diego Vilela), e Ellie (Queen Latifah/Carla Pompílio), do tigre Diego (Denis Leary/Márcio Garcia) e da preguiça Sid (John Leguiza-

mo/Tadeu Mello), a pequena Amora (Keke Palmer/Bruna Laynes) já chegou à adolescência, sempre às turras com o seu superprotetor pai. Com as trapalhadas tectônicas provocadas por Scrat, Manny, Diego, Sid e avó deste (Vanda Sykes) ficam presos em um iceberg, que é arrastado para o altomar, enquanto Ellie e Amora permanecem em terra. O problema é que as gigantescas placas continuam avançando, ameaçando todos os animais que estão na costa. Para completar, os nossos herois são capturados por um bando de piratas, comandados pelo perigoso capitão Entranha (Peter Dinklage/ Jorje Vasconcelo), que é auxiliado pela insinuante tigresa Shira (Jennifer Lopez). Mas, nada vai impedir Manny de voltar para a sua família, mesmo que ele tenha que - literalmente por a pique o navio pirata. Com uma determinação equivalente ao seu tamanho, ele e seus amigos conseguem fugir e chegar a uma ilha, onde pequenos animais foram aprisionados por Entranha para construir um novo barco. Com um plano bem bolado, mas com vários imprevistos, eles

conseguem fugir da ilha, mas com os piratas em seu encalço, tendo que enfrentar muitos perigos, o pior deles na forma das terríveis sereias. Conseguirão os nossos heróis se encontrarem novamente, e escapar da sede de vingança do capitão Entranha? Além dos personagens já conhecidos do público, alguns novos foram acrescidos, como a divertida Vovó, que dá o tom cômico à maioria das cenas que participa, à adolescente Amora, que recria o típico embate entre pai e filha, e um par romântico para o tigre Diego, com a sensual e arrojada Shira. O apuro técnico é cada vez maior, com um nível de realismo impressionante, principalmente nas cenas em alto-mar. O detalhe é que a direção não está mais a cargo de Saldanha, que participou do filme como produtor. Declaradamente voltado para o público infantil, mas, nem por isso menos interessante para todas as idades, "A Era do Gelo 4" reforça os conceitos e valores de família, que sempre estiveram presentes nos filmes anteriores. Recomendo. (Título original: "Ice Age: Continental Drift")


Esporte

Sexta-feira

Natal, 6 de julho de 2012

O Jornal de HOJE 15

ELES ESTÃO DE VOLTA!!! Fotos: Wellington Rocha

Max, no América e Washington no ABC PERSONAGENS BEM CONHECIDOS DA TORCIDA. ARTILHEIROS RECONHECIDAMENTE IMPORTANTES NAS FUNÇÕES QUE EXERCEM. PORÉM, MAX E WASHINGTON VOLTAM AO AMÉRICA E ABC EM BUSCA DE ESPAÇO. MAX REAPARECE PELA PRIMEIRA VEZ NA LISTA DE CONVOCADOS. WASHINGTON FOI O "Homem de Pedra" aparece pela primeira vez entre os convocados do América. Deve compor o banco de reservas diante do CRB

A

nona rodada do Campeonato Brasileiro da Série B traz detalhes interessantes para ABC e América. Ambos entram em campo no sábado, no mesmo horário. A par-

REINTEGRADO AO ELENCO PELO NOVO TREINADOR

tir das 16h20. O ABC joga em casa, no Frasqueirão, após duas rodadas longe do seu torcedor. Enfrenta o Vitória, quarto colocado na classificação geral. O América viaja até Alagoas e pega o

CRB, que tenta se livrar da zona de rebaixamento. No ABC é dia de apresentar muitas novidades. A começar pelo técnico Ademir Fonseca, contratado esta semana para

substituir Márcio Goiano. Com Ademir, retornam ao time nomes conhecidos do torcedor mas que estavam afastados. O principal deles: o atacante Washington, que ganha nova oportunidade e pode

Reintegrado ao elenco pelo novo técnico do ABC, Washington terá nova oportunidade para mostrar o futebol que o tornou artilheiro

até ser titular. No América o técnico Roberto Fernandes tem problemas para definir o sistema defensivo. Edson Rocha e Fabinho estão suspensos. A grande novidade na re-

lação é o atacante Max, que aparece pela primeira vez na lista oficial. 22 jogadores viajaram para Alagoas. O América pode nesta rodada reassumir a liderança da competição.

Reintegrado e possivelmente titular O retorno do Homem de Pedra Ele pode não ser unanimidade entre os torcedores ou até mesmo na diretoria do América. Mas o que o torcedor não esquece são os momentos decisivos protagonizados pelo atacante Max. O "Homem de Pedra", apelido que ganhou da torcida, está de volta ao América e foi relacionado pelo técnico Roberto Fernandes pela primeira vez. Max não será titular, porém, pode se transformar em uma das peças chaves do time na competição. Não é de hoje que Max tem se destacado nos momentos decisivos. Foi assim no acesso à Série Aem 2006 e mais recentemente no acesso à

Série B em 2011. "Isac foi responsável por diversos acessos. Teve participação direta nos últimos momentos mais felizes do América. Além disso, foi fundamental em 2009 quando brigávamos contra o rebaixamento na Série B", afirmava o presidente do América, Alex Padang, ao anunciar Max mais uma vez no time. O ataque não tem sido preocupação para o técnico Roberto Fernandes, que tem sempre utilizado a dupla Lúcio Curió e Isac. O segundo, que brigará diretamente com Max pela posição, é inclusive o artilheiro do clube na Série B. No

Três jogos na noite de hoje Três jogos dão sequência hoje a nona rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. O Joinville-SC recebe em casa o lanterna da competição, o Grêmio Barueri. O Avaí, também em casa, tem pela frente o

Asa de Arapiraca. Enquanto o Ceará faz o jogo mais importante da noite ao receber o líder do campeonato, o Criciúma. Todos os jogos estão marcados para o mesmo horário, 21h.

9ª RODADA - SÉRIE B 3/07 - 21h00 3/07 - 21h00 6/07 - 21h00 6/07 - 21h00 6/07 - 21h00 7/07 - 16h20 7/07 - 16h20 7/07 - 16h20 7/07 - 16h20 7/07 - 21h00

Guarani-SP Guaratinguetá-SP Avaí-SC Ceará-CE Joinville-SC Bragantino-SP CRB-AL América-MG ABC-RN Paraná-PR

1x0 0x1 x x x x x x x x

Ipatinga-MG São Caetano-SP ASA-AL Criciúma-SC Grêmio Barueri-SP Goiás-GO América-RN Atlético-PR Vitória-BA Boa Esporte-MG

Por várias vezes nesta temporada o ABC tentou rescindir o contrato do atacante Washington. O alto salário e o baixo rendimento colocaram o atacante em cheque junto ao torcedor. Ele foi afastado dos treinos com a equipe principal e sob o comando do técnico Márcio Goiano esteve em campo em pouquíssimas oportunidades. Caiu o treinador, mudou a gerência de futebol e o atacante Washington voltou a ser a grande novidade no ABC. Essa, foi uma das primeiras providências do novo técnico alvinegro, Ademir Fonseca. "Vamos tentar motivá-lo, atacante está muito difícil. Contratar alguém de ponta é complicado.

banco de reservas duas peças também não têm decepcionado. Casos dos velocistas Pingo e Soares. A briga no setor ofensivo promete boas disputas. É na defesa que mora a preocupação de Roberto Fernandes para o jogo do próximo sábado. Sem contar com Edson Rocha na zaga e Fabinho no meio campo, estão praticamente confirmadas as entradas de Jorge Felipe na zaga e Nata no meio campo. A camisa 10 será vestida por Thiago Galhardo, que venceu a disputa com Raphael, titular no último confronto. O restante do time já é bem conhecido pelo torcedor.

1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20

Clube Criciúma-SC América-RN América-MG Vitória-BA São Caetano-SP Boa Esporte-MG Paraná-PR Joinville-SC Goiás-GO Avaí-SC Ceará-CE ASA-AL Guarani-SP ABC-RN Atlético-PR Bragantino-SP CRB-AL Guaratinguetá-SP Ipatinga-MG Grêmio Barueri-SP

PG 21 19 19 16 15 12 12 12 12 11 11 10 10 9 8 8 7 5 4 2

JG 8 8 8 8 9 8 8 8 8 8 8 8 9 8 7 8 8 9 8 8

VI 7 6 6 5 4 3 3 3 3 3 3 3 2 2 2 2 2 1 1 0

EM 0 1 1 1 3 3 3 3 3 2 2 1 4 3 2 2 1 2 1 2

DE 1 1 1 2 2 2 2 2 2 3 3 4 3 3 3 4 5 6 6 6

GP 20 17 15 16 11 13 12 7 12 9 13 9 9 12 8 12 9 8 7 5

GC 11 8 6 9 8 10 11 8 14 9 14 10 9 12 6 14 16 17 15 17

SG 9 9 9 7 3 3 1 -1 -2 0 -1 -1 0 0 2 -2 -7 -9 -8 -12

GABRIEL NEGREIROS - gabrielnegreiros@gmail.com - twitter: @gabrielnegreiro A LISTA DE MANO MENEZES "Foi uma merda. Nada contra os que foram chamados acima de 23 anos, mas se é para chamar, que se chame jogadores de respeito. Não sou o treinador, mas discordo dessa convocação. Eu levaria três defensores (acima de 23 anos)." Essas foram as palavras de Romário sobre a convocação do técnico Mano Menezes para a Olimpíadas. Para Romário, os três veteranos do Brasil na Olimpíada deveriam ser os zagueiros Thiago Silva e David Luiz e o lateral Daniel Alves. E aí vou discordar quase que completamente. David Luiz é um zagueiro bem meia boca e não está tão acima dos demais para compor uma relação acima dos 23 anos. Daniel Alves e Marcelo estariam na minha relação. Os laterais sub-23 do Brasil são extremamente fracos. Thiago Silva completaria minha lista. Acho que as críticas em cima de Hulk são extremamente preconceituosas. Paraibano, nunca jogou no Brasil em alto nível, artilheiro do futebol português e com um apelido estranho são alguns dos itens que motivam as críticas. Sobre o futebol, concordo com Romário. "O Hulk é um

partamento médico, há mudanças significativas na zaga e no meio campo. Alison, volta ao setor, abrindo espaço no meio campo para o retorno de Jerson. O volante Guto também voltou ao time titular. No ataque, Éderson estava isolado, já que Adriano Pardal cumpre suspensão pelo terceiro cartão amarelo. Foi na segunda parte do treinamento que Washington ganhou uma chance entre os principais. O atacante entrou na vaga de Guto e ao lado de Éderson comandou o ataque alvinegro. As boas notícias foram os retornos do goleiro Andrey e do lateral Pedro Silva, liberados pelo departamento médico e confirmados no time titular.

CLASSIFICAÇÃO - SÉRIE B

Gabriel Negreiros NOVAS CHANCES NO ATAQUE Max e Washington. América e ABC. Ambos com novas oportunidades, mas nenhum como titular. Pelo menos por enquanto. Pelo menos essa é a minha opinião. Ambos precisam buscar espaços e os considero com qualidades para encontrar o caminho da titularidade. Max e Isac são equivalentes, porém, mesmo sendo artilheiro, Isac é especialista em desperdiçar gols que nenhum atacante do mundo pode perder. Porém, Isac é bem mais habilidoso que Max, que se especializou em empurrar a bola para o fundo do gol, mesmo que seja de canela. O caminho de Washington é um pouco diferente. Resta saber qual a real vontade do atacante. Nas entrevistas ele sempre enfatizou a vontade de cumprir o contrato, o que é bem diferente de "vontade de jogar futebol". Washington tem vaga no time do ABC, mas não o Washington que jogou o campeonato estadual e o início da Série B. O que Max e Washington precisa: gols! É isso que faz um atacante sobreviver. A torcida agradece.

Onde o Washington foi ele ajudou e porque não vai ser agora? Logo no ABC? Que tem torcida, estádio e uma boa condição de disputa", disse o novo técnico alvinegro, que se apresenta oficialmente na tarde de hoje, no CT alvinegro. Antes mesmo de desembarcar em Natal, Ademir Fonseca participou efetivamente do treinamento de ontem. Por telefone, conversou com o preparador físico e técnico interino, Ranielle Ribeiro. Determinou os sistemas táticos que pretende utilizar e a formação inicial a ser adotada. Na primeira situação de treino as mudanças não foram tantas. Com Flávio Boaventura entregue ao de-

bom jogador, que tem futuro, mas ele é um jogador para Copa do Mundo (de 2014), não para a Olimpíada". Nos demais pontos acredito que a seleção está bem servida e o time tem tudo para buscar uma medalha de ouro. IINVASÃO GRINGA Seedorf no Botafogo. Forlan no Internacional. Loco Abreu deixando o Botafogo e chegando ao Figueirense. O mercado do futebol brasileiro vai se tornando uma excelente opção, uma pena que para jogadores que estão praticamente no fim de carreira. Os três citados ainda tem muita bola para queimar. E o Inter vai montando um timaço! D'Alessandro, Oscar, Dagoberto, Forlan e Leandro Damião. Todo mundo junto ou vai alguém para o banco? OAB-RN A Comi/são de Eventos Esportivos da OAB/RN comunica que as inscrições para a I Copa de Futebol dos Advogados do Rio Grande do Norte foram prorrogadas até a próxima quarta-feira (11). A Copa que seria iniciada neste sábado (07/07), começará no dia 14 de

julho no campo da ASTRA (Pium). As inscrições podem ser feitas na sede da Seccional Potiguar ou nas Subseccionais em Mossoró, Caicó, Pau dos Ferros, Macau e Assu. Basta levar a ficha de inscrição preenchida e pagar a taxa de R$5,00. Os times serão montados de acordo com o número total de inscritos e terão jogadores nas categorias LIVRE e MASTER em sua composição. Portanto, não há limite de idade para a participação. O regulamento está no site da OAB/RN: www.oabrn.org.br FUTSAL A partir desta sexta-feira (6), começa a venda dos ingressos para o jogo da Seleção Brasileira de Futsal contra a Polônia, que acontece às 19h da próxima quarta-feira (11), no Ginásio Nélio Dias. Os ingressos estarão à venda em quatro pontos: o próprio Ginásio Nélio Dias; a Associação Atlética Banco do Brasil (AABB), a Loja do Atleta e a Companhia dos Esportes. O Desafio Internacional Brasil-Polônia faz parte do planejamento da seleção para a Copa do Mundo de Futsal, que acontece em novembro, na Tailândia.

O meia Jerson, depois de um longo período longe do time titular, pode ser uma das novidades para o jogo deste sábado. Ele participou normalmente das atividades

PisandonaBola AMÂNCIO

amancionatal@gmail.com / www.chargistaamancio.blogspot.com


16 O Jornal de HOJE

Natal, 6 de julho de 2012

Esporte

Sexta-feira

Palmeiras sai na frente JOGANDO

Passe Livre

RUBENS LEMOS FILHO - r.lemosfilho@uol.com.br

ARENA BARUERI, O EQUIPE DEU O PRIMEIRO PASSO PARA A CONQUISTA DA COPA DO BRASIL, AO VENCER O CORITIBA POR 2 A 0. VALDÍVIA FEZ UM GOL, MAS ACABOU SENDO EXPULSO E ESTÁ FORA DO JOGO FINAL NA

O Palmeiras está perto de conquistar o segundo título da Copa do Brasil e voltar a disputar a Copa Libertadores de América. Nesta quinta-feira, a equipe paulista aproveitou a bola parada para derrotar o Coritiba por 2 a 0, na partida de ida da decisão, na Arena Barueri. Valdivia abriu o marcador em cobrança de pênalti, e Thiago Heleno, de cabeça, completou o triunfo do clube alviverde de São Paulo. Responsável pelo gol que inaugurou o placar na Arena Barueri e aliviou a pressão constante exercida pelo Coxa na partida, Valdívia foi do céu ao inferno no segundo tempo, ao levar o segundo cartão amarelo e ser expulso pouco depois de o Verdão ampliar o marcador. De quebra, o meia ainda desfalcará o time para o jogo de volta da final, na próxima quarta, no Couto Pereira. Mesmo vencendo Felipão manteve a irritação habitual e disparou contra os problemas enfrentados pela equipe. "A apendicite digo que é do tempo da onça, mas o DM (departamento médico) foi rápido com o Barcos (que ficará de fora 15 dias), ainda bem. Sequestro- relâmpago, assalto, briga... Parece que algumas coisas acontecem apenas conosco. Parece. Não sei se nos outros são noticiadas essas situações, mas o nosso é muito noticiado. Então passamos por cima

Fotos: Divulgação

Professor de Júnior

Com gols de Valdivia (foto) e Thiago Heleno, o time paulista levou uma considerável vantagem para o jogo de volta disso, e para isso temos que ter os resultados. E eles têm acontecido e estamos a um passo de um título importante", desabafou Felipão. Há anos sem vencer um campeonato importante, Felipão ressaltou a importância deste momento. "Título é sempre o mais importante. Há muito tempo que buscamos chegar a uma final. É super importante e pode fazer a diferença ao Palmeiras no futuro. É o mais importante momentaneamente na minha vida", completou o treina-

dor palmeirense. "Deveríamos nos acalmar com o resultado, mas sabemos que vamos enfrentar início igual ao daqui, com pressão do Coritiba. Dos nossos jogadores, uns doze ou quinze vão decidir o primeiro título nacional da carreira, e isso assusta um pouco", finalizou Felipão. Chateado com a desvantagem, o meia Tcheco, do Coritiba, admitiu que o time tem se comportado de maneira muito diferente quando atua longe do Couto Pereira,

em Curitiba. "Não podemos mascarar os nossos defeitos, que joga de uma forma fora e outra em casa. Em casa estamos sendo um dos times mais eficientes, tanto que com essa eficiência nós brigamos por uma vaga na Libertadores e foi o que nos fez chegar a esta final da Copa do Brasil", analisou. O duelo de volta acontece na próxima quarta-feira, no Couto Pereira, em Curitiba e o Palmeiras pode perder por até um gol de diferença que será campeão.

> NOVO TÉCNICO

Ney Franco deixa CBF e acerta com o São Paulo No mesmo dia em que passou a ter um novo treinador, Ney Franco, o São Paulo anunciou também um reforço para a defesa: o zagueiro Rafael Tolói, 21 anos, foi contratado junto ao Goiás e assinou um contrato válido por cinco temporadas. Aos 45 anos, o mineiro Ney Franco, que comandava a seleção brasileira sub20, é o substituto de Emerson Leão, demitido na semana passada após a eliminação na Copa do Brasil e a derrota por 1 a 0 para a Portuguesa, pelo Campeonato Brasileiro. Ele deixará sua função na CBF e será apresentado oficialmente na manhã do próximo sábado. O que favoreceu e muito o acerto do treinador com o clube do Morumbi foi a facilidade de trabalhar com categorias de base. O presidente Juvenal Juvêncio exige que seus treinadores deem espaço a atletas revelados no CT de Cotia. E grande parte dos atletas que hoje integra a equipe profissional já trabalhou com o treinador na seleção brasileira. O vice-presidente de futebol João

Ney Franco, que comandava a seleção brasileira sub-20, é o substituto de Emerson Leão, demitido na semana passada Paulo de Jesus Lopes comentou a quinta-feira agitada que teve no clube. "O dia está sendo bastante movimentado. Pela manhã definimos a per-

manência do Denilson em uma negociação que parecia improvável. Depois acertamos com o técnico Ney Franco e celebramos as convocações

dos nossos atletas para a Olimpíada. Agora fechamos com o Rafael, que é um sonho do São Paulo há algum tempo", resumiu.

> MERCADO GRINGO

Loco Abreu no Figueirense, Seedorf no Botafogo e Fórlan no Internacional Um verdadeiro pacotão de negociações envolvendo jogadores de outros países agitaram esta manhã no futebol brasileiro. No mesmo dia em que anunciou seu até logo ao Botafogo, o atacante Loco Abreu aceitou a proposta do Figueirense e vai jogar pela equipe catarinense até o fim de 2013. A contratação é tida como a maior da história do clube, que já prepara uma grande festa para sua apresentação. Mais de 1.500 torcedores aguardavam ansiosamente para ver o mais novo ídolo do Botafogo. E, às 10h31m, a espera chegou ao fim e Seedorf desembarcou no Rio de Janeiro para se apresentar ao Botafogo. O holandês saiu pelo portão de desembarque e teve o primeiro contato com a massa. Recepcionado com o hino do Botafogo, o jogador subiu no palanque montado

Seedorf desembarcou na manhã de hoje e foi recebido pela torcida no aeroporto para ele e colocou uma bandeira do time nos ombros. Sorridente e

fazendo o sinal de positivo, ele aplaudiu a festa e posou para fotos.

No sábado a festa continua. Com dois torcedores escolhidos por uma promoção do clube, ele irá de helicóptero para o Engenhão, onde terá uma comitiva à sua espera no gramado. O uruguaio Diego Forlán é o novo reforço do Inter. O clube gaúcho anunciou nesta sexta-feira, em nota oficial, a contratação do meiaatacante, escolhido o melhor jogador da Copa do Mundo de 2010. Segundo a publicação no site do Colorado, o jogador firmou contrato de três anos e chegará a Porto Alegre na tarde deste sábado. A direção ainda não confirma a presença do jogador na partida contra o Cruzeiro, às 18h30m, no Beira-Rio. No Inter, o astro uruguaio receberá um dos maiores salários do clube. Seus vencimentos girarão em torno de R$ 415 mil mensais.

Na derrotas do Vasco para o Flamengo, nos anos 1980, fervilhava minha ira sobre o lateral-esquerdo Júnior e aquele sorriso malandro, o samba improvisado em frente à sua torcida. Júnior levava a culpa pelos fracassos do meu time. É da natureza nossa transferir aos outros a responsabilidade que é de casa. O Flamengo vencia o Vasco e o Vasco também dava sapecadas no Flamengo. Roberto Dinamite e Geovani, depois veio Romário, foram heroicos diante do melhor time da história da Gávea. Nunca consegui ter raiva de Zico(na verdade eu sempre quis tê-lo com a camisa cruzmaltina), nem da ternura dribladora de Adílio. Sobrava minha antipatia para Júnior, que cantava e cantava o hino do seu clube. O Fla x Flu está completando 100 anos e Júnior foi um dos tantos entrevistados. Já o havia perdoado e me tornado fã pelo futebol fantástico no timaço brasileiro de 1982(errou apenas no terceiro gol de Paolo Rossi). Júnior me seduziu pelo brilho de Vovô Garoto ressurgido menino entre 1989 e 1992, garantindo, com brilho solitário uma Copa do Brasil, um Campeonato Carioca e um Brasileiro para os rubro-negros. Júnior estava jogando o fino dos vinhos em 1990 e foi solenemente esquecido pelo lazarento técnico Lazaroni. Alemão e Dunga foram a Itália, Tita e Bismarck também. Cinco zagueiros desnecessários. Bastavam dois nomes e a seleção flutuaria no céu do meiocampo: Júnior e Geovani. Na entrevista sobre o centenário do clássico, Júnior acrescenta às suas qualidades de craque de bola à impagável virtude da gratidão. Confessa que o seu estilo foi aprimorado copiando o potiguar Marinho Chagas, a Bruxa, melhor lateral-esquerdo da Copa de 1974, que Júnior enfrentou contra o Botafogo e o Fluminense. Júnior é uma celebridade atuante, É comentarista de TV, homem rico, solicitado, presente em solenidades internacionais, eleito o melhor lateral-esquerdo do Flamengo em todos os tempos em votação unânime. >>> O reconhecimento a Marinho Chagas é um golaço de caráter de Júnior. Poucos são assim. Nos guias que a Revista Placar publica todo ano, com fichas do campeonato brasileiro, não são raros os cabeças de bagre que excluem suas passagens por ABC e América. Como se a menção a Natal fosse humilhação, a gratidão à terra que acolheu a nulidade do futebol de todos eles não fosse obrigatória. São pernas de pau que o destino deixará na masmorra da história, no fosso da memória do torcedor. Publico, literalmente, as palavras de Júnior, publicadas no Portal da Rede Globo: "Talvez o meu grande exemplo para a lateral-esquerda tenha sido o Marinho Chagas. Eu o acompanhei bem na Copa do Mundo de 74. Quando acabou o Mundial, só se falava nele. E eu jamais poderia imaginar que ia jogar na lateral-esquerda." Prossegue Júnior, que começou de lateral-direito: "Aí comecei a me lembrar das coisas que o Marinho fazia. Aquela puxada para dentro. Fingir que ia para o fundo, puxava para dentro, para bater no gol ....Aí você começa a ver um filmezinho e aprender com tudo isso aí. Esse cara para mim sempre foi referência." Jogando do jeito de Marinho Chagas, Júnior foi campeão mundial interclubes, campeão da Libertadores, quatro vezes campeão brasileiro, uma vez da tal Copa do Brasil, seis vezes campeão carioca. Sobre Marinho Chagas, doce rebelde, menino grande e vítima dos maus olhos do conservadorismo, Júnior teve a vantagem de jogar no lugar certo como sempre foi o da bruxa. Na Itália, pelo Torino, passou ao meio-campo e brindou o planeta com um futebol vistoso e moderno, ágil na armação das jogadas, perfeito na ligação entre defesa e ataque. Implacável nas cobranças de falta. Marinho Chagas não conseguiu essa chance. O futebol, menos aos dois, mais ao torcedor saudosista, não permitiu o sonho de vê-los juntos, no revezamento entre a lateral e o meio, como se um homem só se dividisse na multiplicação de maravilhas com o pé direito em canto invertido do campo. Júnior, ao reconhecer Marinho Chagas, deu uma aula de respeito aos mascarados de hoje. Marinho Chagas foi uma luz de brilho forte e autoral, de arte e glória que voaram como suas passadas em campo. Júnior tratou de resgatá-lo como um aluno maravilhado e grato. POBREZA Alista dos 18 convocados por Mano Menezes para as Olimpíadas mostra a crise criativa do Brasil. Basta olhar os nomes relacionados para o meio-campo. Ganso, em eterna dívida com a torcida, Oscar, talentoso e imberbe, e Lucas, ainda uma esperança. Só os três, para criar. DANIEL ALVES Um lateral-direito titular do melhor time do mundo não poderia ser descartado da seleção olímpica. Daniel Alves merecia uma vaga entre os três convocados com idade acima de 23 anos. Ele é do Barcelona, acostumado aos grandes clássicos. Hulk é ruim até revendo no desenho animado. PATO Apresença de Alexandre Pato, em marcha decadente, demonstra o bairrismo do técnico. Faz muito tempo que Pato deixou de ser o atacante técnico e refinado dos tempos do Internacional de Porto Alegre. Hoje passeia em campo. ANTES O Brasil, que nunca levou ouro, já contou, em Olimpíadas, com craques do nível de Pintinho, Falcão, Dirceu, Taffarel, Jorginho, Geovani, Romário, Bebeto, Andrade, João Paulo, Rivaldo, Ronaldo, Aldair e Sávio. Muita diferença. ADEMIR Boa a decisão do técnico Ademir Fonseca, de comandar o ABC

amanhã contra o Vitória. Se já veio, tem que começar logo encarando uma senhora pedreira. Ótima a volta de Jérson, com Jota, ao meio-campo. Ele jamais poderia ter saído. GALHARDO Thiago Galhardo assume a missão organizadora do América, ocupando a vaga que foi de Júnior Xuxa. Responsabilidade grande a dele. Pelos seus pés, passarão as bolas que devem chegar ao ataque. Galhardo é essencial no esquema ofensivo do técnico Roberto Fernandes. NETO BAIANO Falante e goleador, Neto Baiano, o artilheiro do Brasil no momento, foi poupado do último treino do Vitória. Mas estará inteiro para o jogo contra o ABC. O Vitória contratou ontem outro homem de frente: Marcelo Nicácio, bem conhecido na região. WANDERLEY Na reserva do CRB, o atacante Wanderley deu entrevistas em Maceió quase implorando para enfrentar seu ex-clube neste sábado. Wanderley foi peça importante do América durante a Série C do ano passado. BICHO EXTRA Festa do Coringão é festa popular, bonita. Mas é preciso um bicho extra para Diego Souza, do Vasco, que chutou a bola em cima do goleiro corintiano nas quartas.


Cultura

Sexta-feira

Natal, 6 de julho de 2012

O Jornal de HOJE 17

Livro registra vida e obra do professor

OTTO DE BRITO GUERRA AS HOMENAGENS SEGUEM POR OCASIÃO DO CENTENÁRIO DE NASCIMENTO DE UM DOS FUNDADORES DA UFRN E DA ACADEMIA NORTE-RIOGRANDENSE DE LETRAS DANIELA PACHECO EDITORA DE CULTURA

"Um grande homem! Sem sombras de dúvidas um exemplo de caráter, de uma personalidade reta, onde todos os consideravam uma pessoa extremamente ética. Sem contar os tantos legados jurídicos e humanitários que Dr. Otto de Brito Guerra deixou para o Rio Grande do Norte", declara o professor Tarcísio Gurgel em entrevista para O JORNAL DE HOJE. Dentre as comemorações realizadas por diferentes entidades em homenagem ao centenário de nascimento de Dr. Otto de Brito Guerra a Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) realiza nesta sexta-feira, dia 6, às 17h, no auditório da reitoria que leva seu nome. Ele nasceu em Mossoró, a 2 de julho de 1912, e formou-seu pela faculdade de Direito de Recife, em 1934. Foi um dos fundadores da UFRN, onde assumiu a vice-reitoria, bem como dirigiu e lecionou no curso de Direito da Instituição. Foi, também, um dos fundadores da Academia NorteRiograndense de Letras "O professor Otto de Brito Guerra era um homem a frente da sua época e totalmente preocupado e dedicado ao desenvolvimento do Rio Grande do Norte. Sua existência foi marcada por intensa e múltiplas atividades, como a de jornalista, político, advogado, professor e líder religioso", conta o professor. Durante o evento, um de seus 13 filhos, o professor Marcos Guerra, prestará uma homenagem. Após a sessão solene, a Editora Universitária lançará a segunda edição do livro "Memória Viva de Otto Guerra", uma edição comemorativa contendo a transcrição do Programa Memória Viva, da TV Universitária, realizado em

1982 com o professor homenageado. "Quando se aproximava a data do centenário do professor Otto de Brito Guerra pensamos como poderíamos homenageá-lo já que ele foi um dos fundadores da Universidade Federal do Rio Grande do Norte. Queríamos mais do que apenas uma solenidade. Decidimos então, lançar a reedição do livro lançado anteriormente pela "Nossaeditora" que pertencia ao advogado Pedro Simões", disse professor Tarcisio Gurgel. Na primeira edição continha esta e outras transcrições de entrevistas do Programa Memória Viva da década de 80. Nesta edição comemorativa que foi organizado pelo professor Tarcísio Gurgel, com apresentação da reitora Ângela Paiva Cruz, e conta, ainda, com um testemunho especial de Marcos Guerra (filho de Otto), uma breve biografia, uma pesquisa sobre sua produção jornalística feita pela professora Tereza Aranha, uma cronologia sob a responsabilidade de Gildete Moura e uma iconografia. "O intuito desta iniciativa é travar um contato maior entre a comunidade com a vida e obra do professor Otto de Brito Guerra que atuou de forma marcante numa época crucial para a história do Rio Grande do Norte. A UFRN só é o que é hoje devido ao empenho de homens como Otto, Onofre Lopes e Raimundo Nonato. Sem contar, que as pessoas poderão encontrar nesta obra um texto belíssimo produzido pelo filho dele, Marco Guerra que é professor, foi Secretário de Educação do Estado, entre outros. Como também, poderá conferir a instigante conversa entre Alvamar Furtado, Américo de Oliveira Costa e Ulysses de Góis. E, ainda tem um rico caderno de imagens com fotos da vida do grande Otto de

Brito Guerra", lembra o professor. Nascido em Mossoró no dia 2 de julho de 1912, filho do magistrado e pesquisador de assuntos regionais Phellipe Guerra, Otto de Brito Guerra, advogado formado pela Faculdade de Direito de Recife, ocupou diversos cargos públicos, dentre os quais o de 2º Promotor Público de Natal, Procurador e Advogado da Caixa Econômica Federal do Rio Grande do Norte. Atuou decisivamente na consolidação da Universidade do Rio Grande do Norte - depois Universidade Federal do Rio Grande do Norte - ocupando diversos cargos de direção, entre os quais o de vice-Reitor e a titularidade da Reitoria em diversas ocasiões nas administrações de Onofre Lopes e Genário Fonseca. Foi também diretor da Escola de Direito da Instituição, ajudando ainda a fundar a Escola de Serviço Social e filosofia - que se desdobrou nas faculdades de letras e jornalismo. Advogado, professor, jornalista e escritor, Otto Guerra foi Integrante da Academia Norte-Riograndense de Letras, do Instituto Histórico e Geográfico do RN a e ajudou a criar, também, outras instituições importantes do cenário potiguar como o Conselho Estadual de Cultura. "Sua atuação como pesquisador das questões regionais - particularmente dos problemas ligados à economia e à questão da seca, tal como fizera o seu pai - resultou num conjunto de artigos tido como de absoluta relevância pelo escritor Américo de Oliveira Costa, que durante a entrevista do "Memória Viva" na TV Universitária cobra a sua reunião em livro", afirmou Tarcísio Gurgel. Otto de Brito Guerra faleceu em Natal, no dia 16 de março de 1996.

Cultura HOJE DANIELA PACHECO - danipacheco@hotmail.com FRIDA KAHLO Com uma linguagem poética, obra homenageia a pintora mexicana Frida Kahlo que hoje, dia 6 de julho, completaria 103 anos e revela curiosidades sobre a sua infância. Fruto de um casamento infeliz. Afetada por poliomielite com apenas seis anos. Vítima de um acidente de carro que a impossibilitou de ter filhos. Com tantos infortúnios, era de se esperar que uma pessoa desanimasse. Essa, porém, não foi a escolha da pintora Frida Kahlo, que mesmo passando por episódios difíceis, produziu obras que encantaram e ainda encantam o mundo todo. O livro "Frida Kahlo", da a escritora Camen Leñero, da Callis Editora revela o encanto da artista, além de mostrar o universo rico e repleto de diversidade.

com Dani Pacheco

SEMANA DO AUDIOVISUAL A SEDA - Semana do Audiovisual apresenta nesta sexta a Mostra de Vídeo-Dança e a apresentação do Gira Dança, das 19h às 22h, no Espaço Gira Dança (Rua Frei Miguelinho, 100, Ribeira). A entrada é gratuita. TERRAÇO DO RELÓGIO O projeto do SESC "Terraço do relógio" recebe hoje a banda Mr. Music (rock), às 19h, no: SESC Centro (rua Coronel Bezerra, 33, Cidade Alta). A entrada é gratuita. Informações: 3211-5577. LANÇAMENTO DE CD A cantora e compositora potiguar Clara Menezes apresenta ao público músicas do seu trabalho autoral que estão no CD "Voa Leve", hoje, às 20h, na Casa da Ribeira (rua Frei Miguelinho, 52, Ribeira).

FRIDA KAHLO Com uma linguagem poética, obra homenageia a pintora mexicana Frida Kahlo que hoje, dia 6 de julho, completaria 103 anos e revela curiosidades sobre a sua infância. Fruto de um casamento infeliz. Afetada por poliomielite com apenas seis anos. Vítima de um acidente de carro que a impossibilitou de ter filhos. Com tantos infortúnios, era de se esperar que uma pessoa desanimasse. Essa, porém, não foi a escolha da pintora Frida Kahlo, que mesmo passando por episódios difíceis, produziu obras que encantaram e ainda encantam o mundo todo. O livro "Frida Kahlo", da a escritora Camen Leñero, da Callis Editora revela o encanto da artista, além de mostrar o universo rico e repleto de diversidade. BALANÇANDO AS ESTRUTURAS Messias Paraguai e Forró Chiado animam a festa, que terá ainda franca distribuição de comidas típicas, sorteio de balaio e quadrilha improvisada, no Arraiá Balançando as estruturas, hoje, a partir das 22h, no Clube de Engenharia do RN (Avenida Rodrigues Alves, vizinho a Cidade da Criança).

HOJE - O cantor Jair Rodrigues apresenta o show "Festa para um Rei Negro", em que faz uma retrospectiva dos seus mais de 50 anos de carreira logo mais às 21h, no Teatro Riachuelo (Shopping Midway Mall).

Fotos: Cedida


Cultura

Natal, 6 de julho de 2012

18 O Jornal de HOJE

Sexta-feira

Musicomania CONRADO CARLOS - ccpsilva@hotmail.com

VIPER EM NATAL Logo mais, às 21h, a Ribeira receberá um dos ícones do rock pesado nacional; em show da turnê To Live Again, paulistanos tocarão na íntegra os dois primeiros discos da carreira, lançados na segunda metade dos 90s Andreia Régis

Viper no Centro de Turismo em 1988

SERVIÇO VIPER 'To Live Again Brasil Tour 2012' Longe dos grandes centros (e Recife é o quê?) e com o rock nativo atolado na mediocridade, nós outros, natalenses, sempre ficamos de fora das turnês de bandas estrangeiras e nacionais mais expressivas. Para todos os gostos, nos últimos anos, há menos de trezentos quilômetros de distância, tocaram: Paul McCartney, Scorpions (inclusive em João Pessoa!), Iron Maiden, Motörhead, Amy Winehouse, Black Eyed Peas e até Jeniffer Lopez. Isso para ficarmos nos medalhões – aqui sobra eletrônica de quinta categoria e lixo baiano. Mas nem tudo está perdido. Hoje, ali na Ribeira, algo entre seiscentas e setecentas pessoas terão a oportunidade de vivenciar um momento histórico: os paulistanos do Viper, um dos ícones do rock pesado brasileiro, tocarão seus dois primeiros discos na íntegra, com sua formação clássica. Depois de cinco apresentações pela capital e interior de São Paulo, Natal será a porta de entrada do Nordeste, que ainda inclui a própria Recife (07) e Salvador (08). Intitulada To Live Again, a turnê de quinze shows é um misto de nostalgia e ineditismo. O leitor d’O Jornal de Hoje

mais conservador e avesso ao underground deduz que exagero quando falo em “ícone”, “histórico”, “clássico”. Normal, até porque a união entre André Mattos (vocal), Felipe Machado (guitarra), Pit Passarell (baixo), Hugo Mariutti (guitarra que substitui Yves Passarell, atual Capital Inicial) e Guilherme Martin (bateria) terminou em um longínquo 1990, com a saída de Mattos para fundar o Angra. No entanto, como se sabe, o pouco espaço que o metal tem na mídia tradicional surte efeito contrário na rebeldia juvenil. A idolatria só aumenta, quando restrita a um nicho. Não à toa, a tribo metaleira é a mais fiel e fervorosa que se tem notícia. E quando o Viper surgiu, na segunda metade dos anos 1980, o ambiente no país era de incertezas. A recente queda do Regime Militar; a morte de Tancredo Neves; a tragédia do césio-137 em Goiânia, em pleno resquício fantasmagórico da Guerra Fria; a sequência de eliminações da Seleção de Zico, Sócrates e Falcão; e a famigerada inflação contribuía para a desolação geral. Sobrava a arte como ponto de equilíbrio. Desde o final dos 70s, o heavy metal acalentou a desilu-

Dia: 06 de julho (sextafeira) Hora: 21h Local: Cultura Clube (por trás do Teatro Alberto são socioeconômica de jovens europeus, com sua proposta de levar ao extremo as possibilidades do rock and roll. Já nos 80s, foi a vez dos americanos, que transformaram aquela catarse dramático-auditiva em business. Dessa antítese entre tradição, folclore e classicismo europeu e o sexismo, o glamour e a rusticidade americana nasceram as duas escolas que definiram todo um segmento. Como cristãos e muçulmanos, que adoram o mesmo Deus, mas contestam pormenores alheios. Era questão de tempo para respingar na zona tropical, com o surgimento de bandas como Golpe de Estado, Dorsal Atlântica, Holocausto. Na medida em que o número de fãs crescia, uma batalha pelo cetro de reis do Império Metálico na Terra de Santa Cruz foi forjada. Dois grupos criariam verdadeiras legiões de seguidores pelo Brasil afora: os mineiros do Sepultura e os paulistanos do Viper. Aqueles,

com estética e sonoridade agressiva; estes, garotos bem nascidos da zona sul paulistana, influenciados pela música erudita. Nessa época, aqui em Natal, Edu Heavy, morto em 1988 em um acidente automobilístico na Via Costeira, dava os primeiros passos ‘profissionais’ da cena local com o Sodoma. Enquanto Luziano ‘Rock Stanley’, morto em 1992, vítima de leucemia, criava a loja e, posteriormente, o selo Whiplash. No mesmo ano da morte de Edu, foi organizado aquele que é considerado o maior evento do heavy metal papa-jerimum: com o Centro de Turismo lotado, o Auschwitz, dos meus amigos Paulo Leitão e Dennis Stefanini, a Lótus Negra (embrião do Deadly Fate), Horus (futuro Croskill) abriram para o Viper. Dono da Whiplash, o primopobre natalense da Galeria do Rock, ponto de encontro da horda travestida de camisas pretas e longas cabeleiras, Luziano

também tinha uma banda, o Hammeron. Um dos guitarristas era Mitchell Pedregal, agora publicitário e promotor da noite de hoje – em parceria com Roberto Radiola. Passados vinte e quatro anos, parte dessa galera estará junta novamente e brindará o público do Cultura Clube com ares de confraternização e profunda alegria. Confesso certa ansiedade e medo de bancar o passadista emocionado. Ambos os álbuns do set list do show do Viper, Soldiers of Sunrise (1987) e, sobretudo, Theater of Fate (1989), que entraria em minha lista dos melhores da música brasileira, estão na ponta da língua dos headbangers mais atentos. Esqueçam o radicalismo, pois todos os caminhos apontam para a Ribeira. A oportunidade rara de vermos ao vivo gente com serviços prestados em nome do rock não pode ser desperdiçada. Reforce a dose de paracetamol e prepare a cachola para agitá-la madrugada adentro.

Maranhão) Banda de abertura: Dark Side (CE), Deadly Fate (RN) e Comando Etílico (RN). Ingressos: R$ 40,00 (estudante), R$ 60,00 + 1Kg de alimento não perecível (social-inteira) e R$ 80 (inteira) Único ponto de venda: Records (Rua Ulisses Caldas 169, 1º andar, Centro – 3091 1991) Faixa etária: 14 anos Mais informações: 9613.6612 / e-mail: rockinnatal@gmail.com


Cidade

Sexta-feira

Natal, 6 de julho de 2012

José Aldenir

Professor Gilson Gomes explica: Programa coordenado por ele oferece uma ajuda financeira chamada taxa de bancada, para compras de equipamentos

Bolsistas de Programa da Petrobras expõem trabalhos em feira temática ATÉ ÁMANHÃ, ESTÃO EXPOSTOS CERCA DE 120 TRABALHOS, NO CAMPUS CENTRAL Desde quarta-feira, o IFRN Campus Natal Central sedia a 1ª Feira de Ciência e Tecnologia do Programa Petrobras de Formação de Recursos Humanos. A iniciativa é coordenada pela Universidade Petrobras e oferece para o nível técnico concessão de bolsas de pesquisa para alunos dos cursos técnicos nas áreas de petróleo e gás, mecânica, eletrotécnica, biocombustíveis, química, controle ambiental, edificações, eletrônica, geologia e segurança do trabalho. No Rio Grande do Norte, os campus contemplados são o Natal Central, Natal Zona Norte, Caicó, Macau, Mossoró e Apodi. "O programa tem o objetivo de

fomentar estudos na área de interesse da empresa, como Petróleo e Gás, Gás Natural e Energia e Biocombustíveis, além de buscar a redução da evasão escolar. Metade dos alunos do IFRN é oriundo de escolas públicas e a concessão de bolsas é uma boa ajuda. O Programa também oferece uma ajuda financeira chamada taxa de bancada, para compras de equipamentos", disse Gilson Gomes, coordenador do Programa. Ainda segundo ele, o convênio tem uma verba total de R$ 18 milhões, sendo R$ 6 milhões para a taxa de bancada e R$ 12 milhões para as bolsas que são destinadas a 1.800 alunos. "Dentro do acordo

entre a Petrobras, IFRN, ANP e Funcern, há a obrigação do IFRN em realizar a Feira para apresentação dos trabalhos. A Feira recebe representantes da ANP e Petrobras, que avaliam os trabalhos e em função dos resultados podem readequar o programa. Como o RN é o maior produtor de petróleo em terra e um dos maiores do país, os investimentos e o estímulo à pesquisa na área são intensos em qualidade e quantidade em instituições com o IFRN e a UFRN". O estudante de Mecânica Daniel Mousinho é um dos bolsistas do programa e conta os benefícios do projeto na sua vida estudantil. "O pro-

jeto é interessante pelo fato de estimular os estudantes a buscarem o conhecimento em áreas importantes. Além do petróleo, a atemática ambiental é muito forte. Sinto que estou na área certa e o futuro são as energia alternativas, área que vou seguir dentro da mecânica. Mas acredito que poderia haver mais incentivos por parte do governo federal". Até o próximo sábado, estão sendo expostos cerca de 120 trabalhos de bolsistas com apresentações orais no período da manhã e pela tarde a exposição de pôsteres e protótipos de maquetes. Também fizeram parte da programação palestras de engenheiros da Petrobras.

> REFLEXO

Empresa demite 40 funcionários alegando falta de pagamento da Prefeitura há dezenove meses Era 31 de maio passado, quando Flávio Marcelo, até então vigilante da empresa Interfort, ao chegar lá para mais um dia de trabalho, recebeu uma péssima notícia. Ele e mais 39 colegas estavam demitidos. Para piorar, segundo conta, não receberam os salários referentes aos meses de maio, junho, e nem as contas pela rescisão trabalhista. Nada ao que tinham direito. Até hoje, o grupo ainda não viu a cor do dinheiro. Para quem é o arrimo da sua família, sendo o principal sustento da mulher e filhos, como Flávio Marcelo, o salário de cerca de R$ 800 está fazendo muita falta. Em agosto, ele completaria quatro anos de empresa. Após seu desligamento, ele e seus ex-colegas de trabalho receberam informações de que foram substituídos por exatos 40 profissionais da categoria "júnior" - que são mais baratos, pois recebem salário comercial. Para eles, a empresa alegou que a demissão se deu porque não estava recebendo repasse do governo municipal - especificamente das secretarias de Saúde, Educação e Serviços Urbanos (Semsur) - há 19 meses, e a Prefeitura não queria mais os serviços da firma. Entretanto, o contrato foi renovado, segundo informações dos ex-colaboradores. Tanto, que novos profissionais foram contratados. "Eles dizem que não tem como pagar a gente, como é que vão pagar os novos que acabam de ser contratados?", indaga Flávio Marcelo, revoltado. Há 10 dias, o grupo ingressou na justiça comum contra a Interfort. Paralelamente, o Ministério Público do Trabalho foi à empresa e ela pediu um prazo de 10 dias para resolver o problema, que já se encerrou. E o imbróglio permanece sem perspectivas de solução. Em nota, a Interfort enfatizou o atraso por parte do Executivo municipal e, ao contrário do que afirmam os demitidos, afirma que

os salários foram pagos normalmente. "Durante esse período a empresa manteve e pagou a todos os funcionários em questão. Em audiência no Ministério do Trabalho e Emprego ficou acordado entre as

partes que se manteria os funcionários até o dia 31 de maio e a prefeitura se comprometeu em repassar as verbas rescisórias dos demitidos até o dia 05 de junho, o que não ocorreu", resume a empresa.

A reportagem manteve contato com o secretário de comunicação da Prefeitura do Natal, Gerson de Castro, contudo, não obteve o posicionamento desta até o fechamento desta edição.

Movimento dos Navios APRONIANO CÉSAR

apronianocfs@hotmail.com

Museu do Porto de Natal adquire foto do navio misto Bagé atracado no Porto de Natal na década de 50 NATAL Navio Dalen Tide Leblon Flevo Lagoa Carioca Marlin CMA-CGM Homere CMA-CGM Aristote NE Brasil Jacarta Express

Bandeira Vanuatu Brasil México Brasil Libéria Inglaterra U. Kingdom Brasil Panamá

Lobato

Brasil

Agência A. Marítima Seamaster W. Sons W. Sons Petrobras CMA-CGM CMA-CGM M. Brasil Superservice

Chegada No Porto No Porto No Porto No Porto 07/07 07/07 14/07 14/07 15/07

Destino Guamaré(RN) Guamaré(RN) Guamaré(RN) -Belém(PA) Vigo/ESP Vigo/ESP -Santos(SP)

Carga Descarga Reabastecimento -Em Operação Draga -Draga Em Operação --Combustível Contêineres -Contêineres -Navio Escola --Peças Eólicas

TERMINAL OCEÂNICO DE UBARANA - GUAMARÉ - RN Petrobras

08/07

Fortaleza (CE)

Água

--

TERMINAL SALINEIRO DE AREIA BRANCA - RN Alexandria Lugano

Dia 06 07

Grécia Suiça

A. Marítima 09/07 A. Marítima 11/07

TÁBUA DE MARÉS Hora Altura (M) 12:08 0.2 18:47 2.2 00:23 0.3 06:56 2.3

Santos (SP) Santos (SP)

A PROGRAMAÇÃO É CHECADA DIARIAMENTE, PODENDO HAVER ANTECIPAÇÃO OU ATRASO DE ALGUM NAVIO

Sal Sal

Cheia

---

FASES DA LUA (03/07 - 15:52h)

Minguante

(10/07 - 22:48h)

Nova

(19/07 - 01:24h)

Crescente

(26/07 - 05:56h)

O Jornal de HOJE 19


20 O Jornal de HOJE

Cidade

Natal, 6 de julho de 2012

Sexta-feira

Érika Nesi erikamnesi@hotmail.com

Ah, quer saber...

Fotos: João Neto

A Miss RN

Kelly tem 23 anos, um metro e oitenta de altura e, tal como sua antecessora, Daliane Menezes (que não pode estar presente no evento, mas que foi citada por George Azevedo e muito aplaudida) também é jornalista. No Miss RN de 2009, ela ficou em segundo lugar, perdendo para nossa eterna Miss Brasil daquele mesmo ano, Larissa Costa.

Sucesso total

O evento que lançou a quinta publicação do Manual Prático das Eleições escritos pelo Juiz Titular da 11ª Vara Criminal e Juiz-Assessor da vicepresidência do TJ/RN, Jarbas Bezerra e pela atual diretora do Tribunal Regional Eleitoral do Rio Grande do Norte, Lígia Limeira, foi sucesso total ontem na livraria Saraiva no Midway.

ttt

Colocação

ttt

Em quinto lugar ficou a Miss São Gonçalo do Amarante. A Miss Areia Branca foi a quarta colocada. Em terceiro e segundo lugar, respectivamente ficaram as representantes de Mossoró e Natal, todas belíssimas!

Vários candidatos presentes

Muitos amigos, colegas e em especial os candidatos que estarão concorrendo nas eleições deste ano, estiveram presentes. Destaque em especial para os que pleiteiam o cargo de Prefeito de Natal, deputados da assembleia legislativa e até a governadora Rosalba Ciarlini esteve presente no evento. ttt

Janaína e Alexandre Mulatinho

ttt

A apresentadora da noite

O concurso contou com uma apresentadora toda especial, Suzana Schott que também já foi Miss, e conduziu perfeitamente a noite, que foi longa. A festa teve inicio às 20h e só acabou perto de 1 hora da madrugada de hoje.

Hermano Morais e Suely Silveira

Vaga ideia

Para se ter uma vaga ideia, de como foi prestigiado o lançamento, basta saber que em eventos dessa natureza são vendidos aproximadamente 100 exemplares. Ontem, Jabas e Lígia autografaram quase 400, essa é a marca do sucesso total e absoluto de um trabalho sério que vem crescendo a cada ano que passa.

ttt

José Maurício, Wilma Faria e Diógenes da Cunha Lima

ttt

Miss RN 2012

Ontem também aconteceu no Hotel Vila do Mar, a 57ª edição do mais tradicional concurso de beleza do Rio Grande do Norte, que elegeu a mulher mais bonita do estado e que vai nos representar no concurso Miss Brasil.

Jarbas Bezerra e Sandra Rosado

ttt

Moda & Atitude

O programa Moda & Atitude cobriu tudinho e vai mostrar no próximo programa que acontecerá no domingo ao meio dia, assim como uma matéria sobre como tirar proveito das liquidações e um papo descontraído com Larissa Fernandes, Eduarda Monte e Victoria Dantas. Imperdível!

ttt

Organização

A coluna gostaria de dar os parabéns ao colega George Azevedo pela organização do evento, que teve entre outras, várias apresentações de grupos teatrais e de balé, enaltecendo ainda mais a noite de vivas à beleza. ttt

Nivel das candidatas

Paulo Macedo, Jarbas Bezerra, Lígia Limeira e Carlos Eduardo Alves Canindé Soares

ttt Lígia Limeira, Jarbas Bezera autografam o novo manual para a governadora Rosalba Ciarlini

Esta colunista sempre presente no Juri do concurso, observou ontem o grande nível de exigência entre as candidatas, várias já conhecidas do publico de moda, pois já trabalham no meio há bastante tempo, então afastase daí o quesito sorte e cada vez mais forte fica aa competência e garra das belas mulheres.

A Miss Brasil e a nova Miss RN

Novo Horário

Com a nova grade de programação nacional, tendo Gilberto Barros como o dono das tardes do sábado na Rede TV, fomos premiados pela afiliada SIM TV, com um super horário. ttt

Canindé Soares

O organizador do concurso George Azevedo e a apresentadora Suzana Schott

ttt

Foi uma tarefa difícil

Difícil escolher entre tantas apenas uma, mas a eleita mereceu o título, não só pela sua beleza, mas pelo seu traquejo e desenvoltura. A ganhadora foi a Miss Gramoré, Kelly Fonseca.

A Miss Brasil 2011 Importante citar a presença da bela Miss Brasil 2011, a gaúcha Priscila Machado, que super simpática subiu ao palco para entregar a nova faixa de Miss RN à Kelly e também contou um pouco da sua experiência como sendo a mais bonita mulher do Brasil.

Wober Jr e Robson Faria

Coladinho com o Super Pop de Luciana Gimenez

Nosso programa que ia ao ar no sábado, passa agora para quartafeira, logo depois da novela das 9h da Globo, ou seja, às 22hs no horário do jogo e coladinho com o programa de Luciana Gimenez, o Super Pop. Chique! Até amanhã!

FLIP 06/07/2012  
FLIP 06/07/2012  

Economia, politica, cidades, cultura e esportes

Advertisement