Issuu on Google+

Gravataí, 14/05/2014 - Pág. 1

ANO 9 - EDIÇÃO 1982ª - DIÁRIO - QUARTA-FEIRA, 14 DE MAIO DE 2014 - R$ 1,25

Circulação nos municípios de Gravataí, Cachoeirinha, Glorinha e Santo Antônio da Patrulha

► INVESTIGAÇÃO

Carro é arrombado dentro do estacionamento do Shopping Gravataí

De acordo com a 1ª Delegacia de Policia Civil, outros dois boletins de ocorrência referentes a arrombamento de veículos no estacionamento do shopping foram registrados na tarde de ontem (13)

Página 9

► COMEÇOU

GRAVATAÍ PARTICIPA DO LANÇAMENTO ESTADUAL DO DIA DO DESAFIO RS tem adesão de 100% de municípios no Dia do Desafio 2014

Contracapa ► SAÚDE & CIA

ANIMAIS TAMBÉM PODEM SER TERAPEUTAS E AJUDAR NO TRATAMENTO DE DOENÇAS A "pet terapia" pode ajudar a tratar depressão, doenças cardíacas e estresse

► ESPECIAL

Praças do centro da cidade passam por revitalização A previsão é de que até o final do segundo semestre os serviços sejam concluídos

Página 5

Encartado


Gravataí, 14/05/2014 - Pág. 2

Prefeitura efetua limpeza nos bairros Dona Mercedes e Girassol Com o objetivo de dar seguimento ao cronograma semanal da Secretaria Municipal de Serviços Urbanos (SMSU), foi efetuada na segunda-feira (12) uma ação visando a limpeza, remoção de galhos e entulhos e a pintura de meios-fios, ao longo dos bairros Dona Mercedes e Girassol, próximos ao Parque dos Anjos.

PREVISÃO DO TEMPO

PRODUÇÃO X COMPETIÇÃO GLOBAL

Quarta-feira Mín. 15° Máx. 23° Sol com muitas nuvens.

O EXEMPLO AMBIENTAL DA AGRICULTURA *Edivaldo Del Grande O agronegócio brasileiro deve registrar a maior safra de grãos da história do país, resultado do aumento da produtividade das fazendas brasileiras e do esforço do produtor rural, que ocupa lugar de destaque na busca de novas divisas por meio do aumento de exportações. O árduo trabalho no campo nem sempre foi visto com bons olhos por grande parcela da população, e tem recebido o selo de vilão do meio ambiente. Mas a produção agrícola brasileira, já de longa data, vem passando por profundas mudanças com inovações tecnológicas, ganho de produtividade e melhora da relação entre a produção e o meio ambiente como inúmeras práticas conservacionistas. A forte atuação da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) coloca o país como modelo para as nações do mundo no desenvolvimento de técnicas agrícolas. E, recentemente, aprovamos um novo Código Florestal, após amplo debate com os agentes de vários segmentos. O resultado talvez não agrade a gregos e troianos, mas traz conquistas essenciais para o equilíbrio entre a produção e a preservação. Um novo estudo, que foi publicado em forma de artigo na edição de janeiro da revista Nature Climate Change, tendo o professor David Montenegro Lapola, do Departamento de Ecologia da Universidade Estadual Paulista (Unesp), em Rio Claro, como principal autor, desmistifica o papel de vilão do agricultor brasileiro. O estudo revela que, mesmo com a expansão nos

últimos dez anos, a agricultura brasileira reduziu as emissões de gases do efeito estufa e o desmatamento. São Paulo é um dos exemplos positivos citados pelo pesquisador. O estado registrou expansão na cultura de cana-de-açúcar no período analisado, mas ela ocorreu sobre áreas de pastagem. A mudança de padrão do uso do solo contribuiu para uma redução de 0,9º C na temperatura. O efeito positivo do novo uso do solo, com maior cobertura vegetal, contribuiu para aumentar a evapotranspiração. O fenômeno libera mais água para a atmosfera e ajuda a resfriar o clima local. Quem conhece de perto o setor, sabe do papel fundamental das cooperativas nessa transformação, orientando seus associados e difundindo novas técnicas agrícolas. As mudanças de paradigmas pontuadas na pesquisa são ainda resultados de um novo comportamento do homem do campo, que estamos observando também nas cooperativas paulistas. Um bom e velho ditado popular diz que “quem planta vento, colhe tempestade”. Frase comum, mas que está incorporada no cotidiano dos nossos produtores, que respeitam o seu local de trabalho e sabem que é da terra, da natureza, que vem o sustento familiar e, por isso, a preocupação com o meio ambiente é essencial para sua sobrevivência. Edivaldo Del Grande é presidente da Organização das Cooperativas do Estado de São Paulo (Ocesp) e do Serviço Nacional de Aprendizagem do Cooperativismo no Estado de São Paulo (Sescoop/SP).

A dimensão global da competição traz novas fronteiras para a indústria e exige que a manufatura seja administrada sob uma perspectiva que considere a integração entre as áreas da organização. Como nunca, hoje é preciso ultrapassar os antigos sistemas cunhados por Taylor e Ford para sobreviver no atual ambiente de negócios, e, quem sabe, sobressair. Um bom exercício de observação e identificação das prioridades competitivas que afetam essas áreas pode ajudar, e muito. Os padrões comuns para avaliação de desempenho das operações existem, e são bem conhecidos - ciclos menores do produto, qualidade e confiabilidade, cumprir prazos de entrega, agilidade para produzir novos produtos, flexibilidade para ajustar mudanças de volume, velocidade e baixo custo. A questão é que, adaptadas ao novo ambiente, as vantagens competitivas parecem ter se multiplicado, e identificá-las se tornou tarefa tão complexa quanto urgente para quem pretende resultados de longo prazo. Quando o assunto é o novo cenário mundial enfrentado pelas organizações e a lógica dos fatores que desencadeiam a competitividade, até mesmo os estudiosos mostram diferentes tendências. Alguns atribuem mais importância à responsabilidade ecológica, outros focam na tecnologia e na inovação. Mas, na raia da vantagem competitiva, a maioria converge no conceito de que a informação e a velocidade desta têm papel vital e se destacam cada vez mais na corrida pelo mercado. A importância da flexibilidade e da Tecnologia da Informação (TI) no processo de reestruturação produtiva, em tempos de necessidade intensa de mudança, é diretamente proporcional à eficiência dinâmica das respostas das or-

ganizações na geração de novas ideias para um mercado ávido e disputado a cada palmo. Uma operação pode se considerar flexível na medida de sua habilidade para não apenas resolver situações de flutuação de demanda, mas também todas as turbulências do ambiente, o que inclui mudanças tecnológicas. Não por acaso a industrialização do Estado do Paraná, bem mais recente que a de São Paulo, culminou no segundo polo automotivo do Brasil. A decisão das empresas do setor automotivo que se instalaram por lá seguiu a rota da flexibilidade estratégica como fórmula de competitividade. Um caminho de custo/ benefício com recursos e investimentos de curto, médio e longo prazo em diversos níveis, que lhes rendeu a fama de serem as empresas mais modernas do mundo para as matrizes, mesmo não sendo as mais automatizadas. Um sucesso parametrizado pela inovação, tempo, custo e qualidade, que não abre mão de projetos ambiciosos de capacitação de mão de obra. Feita a lição de casa, a avaliação de quanto cada recurso contribui para a capacidade de respostas de mudança pavimenta os próximos passos. A nova ordem mundial dos negócios não nos dispensa de manter um olho no peixe e outro no gato. Esse e outros assuntos pertinentes aos novos desafios da manufatura serão apresentados e debatidos no 14º Simpósio SAE BRASIL de Gestão Estratégica da Manufatura, dia 12 de maio, em São Paulo. *Frank Sowade, diretor da fábrica Volkswagen-Anchieta, é vice-presidente da SAE BRASIL

jornaldegravatai@terra.com.br ou jornaldegravatai@gmail.com Publicação da Empresa Gráfica Jornal 2M Ltda. CNPJ nº 03.851.285/0001-62

Registro nº 39987 do Livro A-4

Tiragem – 8.000 exemplares Filiado à ADI

Filiado à ADJORI

Representante Comercial: (51) 3272-9595

Diretor geral: Moacir Oliveira Menezes Diretor administrativo: Gabriel Diedrich Editor-chefe e Diagramador: Giulliano Pacheco Redação: Larissa Hoffmeister, Lauro Pimentel e Saulo Bartz Colaboradora: Edenir Raupp Departamento comercial: Adilson Mendes Avenida Dorival Cândido Luz de Oliveira, nº 6525 - Pda. 63 CEP 94070-001 - Gravataí - RS - Brasil Telefones: (51) 3423.1792 - 3421.3381 Os textos assinados são de responsabilidade de seus autores.


Gravataí, 14/05/2014 - Pág. 3

GOVERNO ADIA AUMENTO DE IMPOSTO PARA BEBIDAS FRIAS

DIVULGAÇÃO/JG

O aumento das alíquotas do setor foi anunciado no final de abril pelo governo

Essa é uma coluna do povo para criticar elogiar e botar a boca no trombone sobre aquilo que os leitores entenderem por certo ou errado. Entre em contato com a redação, pelo telefone 34213381 ou mande seu e-mail para jornaldegravatai@terra.com.br. Junto mande seu telefone e endereço.

O

ministro da Fazenda, Guido Mantega, anunciou o adiamento por três meses da decisão de aumentar os impostos para o setor de bebidas frias - cervejas, refrigerantes, isotônicos e refrescos. A previsão é que o reajuste entrasse em vigor em 1º de junho. “A gente está diferindo, postergando uma correção de tabela que seria no dia 1º de junho para daqui a três meses e não de forma plena, mas diferida ao longo do tempo. Sem dúvida, nós temos uma grande preocupação que a inflação permaneça sob controle e esse setor pode dar uma contribuição importante. Nós fizemos um pacto de que não haveria aumento durante a Copa e de preferência depois também”, disse Mantega, após reunião com representantes do setor.

de fazer uma reunião com o setor de bebidas, com o setor de bares e restaurantes a respeito da tabela que implica na recomposição de tributos. Suspendemos a aplicação dessa tabela temporariamente para um aperfeiçoamento dela porque havia uma divergência em alguns preços que foram capturados”, disse o ministro, acrescentando que, nos últimos dois anos, o governo reduziu os tributos no setor de bebidas para permitir que houvesse mais investimentos e crescimento.

entrariam em vigor em junho. A previsão da Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel) é que o aumento terá impacto de 10% a 12% no preço das bebidas frias para o consumidor. Logo depois do anúncio de aumento, em abril, a Receita Federal retificou informação e disse, em nota oficial, que os preços das bebidas frias subiriam, em média, 2,25% para o consumidor final, e não 1,3%. Também houve erro na primeira divulgação das tabelas.

O objetivo do governo é, com a recomposição da tabela, ter mais recursos para cumprir a meta de superávit fiscal. “Nós acabamos

O aumento das alíquotas do setor foi anunciado no final de abril pelo governo, mas as novas tabelas com os preços das bebidas só

Os empresários estimaram demissão de mais de 200 mil pessoas se o governo não mudasse o prazo do início do reajuste.

MAIS DA METADE DOS BRASILEIROS ADMITEM COMPRAR POR IMPULSO, MOSTRA PESQUISA A maioria dos brasileiros (52% do total de entrevistados) fez alguma compra por impulso nos três últimos meses. É o que revela pesquisa feita em todo o país por meio do portal de educação financeira Meu Bolso Feliz, divulgada ontem (13) pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil). Foram ouvidas 694 pessoas sobre a relação dos consumidores brasileiros com o uso do crédito e as compras por impulso. Os produtos mais comprados por impulso nos últimos três meses foram roupas (29%), calçados (19%), eletrônicos e celulares (18%) e perfumes/cosméticos (12%). Por impulso, as mulheres compraram mais roupas (33%) e calçados (19%), enquanto os homens compraram mais eletrônicos e celulares (26%) e roupas (24%). A principal justificativa dada pelos consumidores foram os descontos e as promoções. O local onde as pessoas mais compram por impulso é o shopping center: 35% do total de entrevistados disseram que as compras supérfluas foram feitas em shoppings, seguido por 23% que informaram fazer isso por meio das lojas virtuais. “Às vezes parece imperceptível,

Coluna do Silva

mas fatores psicológicos, subjetivos e emocionais exercem muita influência nas decisões financeiras. Por uma questão de status, algumas pessoas compram desmesuradamente apenas para impressionar a família, os amigos e até mesmo o vendedor da loja, para alimentar a autoestima. Sem planejamento, essas pessoas adquirem produtos supérfluos e acabam se endividando excessivamente”, disse José Vignoli, educador financeiro do portal Meu Bolso Feliz. A pesquisa também apontou que 45% dos entrevistados não enfrentariam grandes problemas ao pagar tudo à vista. No entanto, um quarto dos consumidores admitiu que não conseguiria comprar sem parcelar. O crédito é visto como algo positivo para a maior parte dos consumidores ouvidos pela pesquisa. Para 52% dos brasileiros, o crédito é sinônimo de algo positivo porque ajuda a realizar sonhos. Para 30%, é bom porque ajuda em momentos de emergência e para 7% é algo ruim porque incentiva o descontrole. Um em cada três consumidores ouvidos pela pesquisa demonstrou falta de planejamento com suas compras: 35% deles admitiram não

ter o hábito de olhar o extrato bancário antes de fazer uma compra parcelada e 12% chegam a incorporar o limite do cheque especial e do cartão de crédito ao orçamento disponível para ser gasto no mês. “O cheque especial só deve ser usado em casos emergenciais, não como fonte de renda para gastos mensais. Já o cartão de crédito transmite à pessoa a falsa sensação de não estar gastando. Esse é um dos grandes perigos para quem não está maduro o suficiente para lidar com o crédito de maneira correta. É fundamental sempre checar na fatura o valor total das compras antigas antes de se fazer uma nova dívida no cartão”, disse Vignoli.

BANRISUL REGISTRA LUCRO DE R$ 77,8 MILHÕES NO PRIMEIRO TRIMESTRE O Banrisul fechou o primeiro trimestre com lucro líquido de R$ 77,8 milhões e lucro líquido ajustado de R$ 137,9 milhões, representando uma redução de 32,6% na comparação com o mesmo período do ano passado. Essa queda no desempenho foi resultado de ajustes estruturais na instituição, conforme presidente do Banrisul, Túlio Zamin. Ele explicou que houve desembolso para o pagamento do Plano de Aposentadoria Incentivada (PAI), destinado aos servidores com tempo de aposentadoria, e o início do processo de migração dos participantes do principal Plano de Previdência complementar da Fundação Banrisul de Seguridade Social (FBSS) para novos planos, gerando despesa adicional de R$ 98,1 milhões. “Os ajustes foram construídos nos últimos três anos e estarão concluídos em 30 junho”, salientou. Portanto, as mudanças deverão impactar também o próximo trimestre da empresa. “Não deveremos ter mais nenhum impacto desta magnitude em relação ao balanço após a conclusão. Estamos estabilizando o plano, tirando o risco da instabilidade e recuperando o equilíbrio da fundação. É um problema que estava aberto há décadas”, afirmou. Segundo Zamin, mesmo com o lucro menor nesses primeiros três meses do ano, o Banrisul está mais forte e com sustentabilidade para enfrentar o mercado competidor. O presidente avalia que os Planos de Previdência e a abertura do Programa de Aposentadoria Incentivada ajudam a preservar a estrutura patrimonial e também servem para compatibilizar a necessidade da empresa com as expectativas dos empregados. A carteira de crédito ampliada registrou saldo de R$ 28,4 bilhões em março de 2014, representando aumento de 10,7% em comparação com o mesmo mês do ano passado. No longo prazo, o destaque foi a expansão de R$ 574,5 milhões, aumento de 41,5% em relação ao primeiro trimestre de 2013. O crédito rural somou R$ 550,7 milhões, 30,5% a mais em relação ao mesmo período de 2013. Já o crédito imobiliário teve alta de R$ 463,7 milhões em doze meses, 19,7% acima da posição no mesmo período do ano anterior. O índice de inadimplência de 90 dias oscilou de 3,33% para 3,46% em 12 meses. A receita de prestação de serviços foi de R$ 268,5 milhões, um crescimento de 26,8% nos três primeiros meses do ano em relação ao primeiro trimestre de 2013, com destaque para as transações com o Banricompras e cartões de crédito feitas nas máquinas da Vero, os vouchers (cartões de benefícios e empresariais) e os negócios com seguros, previdência e capitalização. Ao final de março de 2014, os ativos totais do Banrisul alcançaram saldo de R$ 57,4 bilhões, com expansão de 20,5% em relação a março de 2013. Os recursos captados e administrados pelo Banco totalizaram saldo de R$ 43 bilhões ao final de março de 2014, volume 18,2% acima do montante registrado no mesmo mês do ano anterior. Já o patrimônio líquido da instituição atingiu R$ 5,2 bilhões, 8,0% acima da posição de março de 2013.

Senha do dia: A vida não se acaba quando deixamos de viver e sim quando deixamos de buscar algo nela! (Bob Marley)


Gravataí, 14/05/2014 - Pág. 4 A mudança é a lei da vida. E aqueles que apenas olham para o passado ou para o presente irão com certeza perder o futuro. O laço essencial que nos une é que todos habitamos este pequeno planeta. Todos respiramos o mesmo ar. Todos nos preocupamos com o futuro dos nossos filhos. E todos somos mortais.

e-mail:gabriel.diedrich@jornaldegravatai.com.br - Fone: 3421.3381

John Kennedy – ex-presidente norte-americano

PREFEITO POR TRÊS DIAS Na ausência do titular Marco Alba (PMDB) e seu vice Francisco Pinho (DEM), que foram a Brasília, o presidente da Câmara de vereadores Evandro Soares (DEM) assumiu na tarde de segunda-feira como prefeito interino do município de Gravataí. Marco Alba transmitiu o cargo de prefeito ao presidente da Câmara, Evandro Soares, para ir participar na terça e quarta-feira, dias 13 e 14 de maio, da 17ª edição da Marcha dos Prefeitos em Defesa dos Municípios, que ocorre no Centro Internacional de Convenções do Brasil, em Brasília. O encontro na Capital Federal também discute a “crise dos municípios e a conjuntura eleitoral” e reune aproximadamente cinco mil prefeitos. Vereador de primeiro mandato, natural de Santo Antônio da Patrulha, aos 41 anos, o farmacêutico Evandro Soares terá a responsabilidade de comandar por três dias a cidade com a quarta maior economia do Estado do Rio Grande do Sul. DELÍCIAS DO PODER O vereador Evandro Soares, que exercerá o cargo de prefeito até amanhã (15), vem cumprindo compromissos oficiais como atendimento à população e participação em eventos. -É uma honra assumir esta função e espero representá-la muito bem -- destacou Evandro Soares que agradeceu o apoio recebido dos demais vereadores. Os colegas legisladores, Nadir Rocha, Paulinho da Farmácia, Tanrac Saldanha, Gerson Rovisco, Juarez Souza e Maribel Wagner prestigiaram o ato da posse no gabinete do prefeito. Participaram da cerimônia de transmissão de cargo a primeira-dama Patrícia Bazotti Alba, vereadores, secretários e integrantes da administração municipal. Ao desejar boa sorte ao democrata, Marco Alba disse que iria a Brasília tratar de questões fundamentais para os municípios, em especial para Gravataí. Também disse que faria uma visita a alguns ministérios em busca da liberação de projetos para o município.

CLEBES ASSUME PRESIDÊNCIA DA CÂMARA Com o vereador Evandro Soares assumindo interinamente o lugar do prefeito Marco Alba, que está em Brasília participando da Marcha dos Prefeitos junto com o vice Francisco Pinho, o vice-presidente da Câmara, Clebes Mendes também assumiu interinamente a presidência e já comandou a sessão de ontem do Legislativo Municipal. Além das sessões de terça e quinta, Clebes também irá presidir a mesa de trabalhos do Fórum de Discussão sobre Transtorno do Espectro do Autismo (TEA), nesta quarta-feira, às 15 horas, no plenário José Mariano Garcia Mota.

VEREADOR ALEX TAVARES PARTICIPA DO PROGRAMA “NA FÉ” DA TVCOM

O

apresentador Fabinho Vargas, que comanda o programa gospel “NA FÉ” pela TVCom nas tarde de domingo, entrevistou no final da semana passada o vereador Alex Tavares (PMDB/GRA), que aproveitou para contar um pouco de sua história profissional na terra das bromélias. Alex Tavares é gravataiense nato, onde nasceu a 24 de maio de 1977. Ele iniciou sua participação no programa ressaltando seu amor pela cidade de Gravataí, dizendo-se ainda mais feliz por Deus ter confiado a ele a oportunidade de representar o povo de sua terra na Câmara de Vereadores. Alex Tavares contou que aprendeu a cortar

Fabinho entrevista Alex Tavares

cabelo com 17 anos, nos tempos que “salão” ainda era conhecido por “barbearia”, mas que com o passar dos anos o local na Avenida dos Estados

transformou-se em um salão de verdade onde funciona a 18 anos, atendendo e embelezando a clientela.

centro da cidade. Em 1999, Alex fez um curso de comunicação na Feplan, e após isso continuava trabalhando como cabeleireiro. Nos horários vagos, durante a semana, começou a fazer um

programa na emissora, mas um programa voluntário, cuja finalidade era informar, entrevistar e ajudar as pessoas. “A comunicação é apaixonante e emocionante ao mesmo tempo”, lembrou.

familiares seguiram no mesmo rumo, até chegar sua vez, dando continuidade a uma família de cristãos. Alex se disse agradecido por haver tido a possibilidade de conhecer o evangelho desde

pequeno, o que lhe permitiu entender e acreditar que Deus realmente possa transformar a vida das pessoas que creem, para que possam viver uma vida melhor.

não só acredita como faz disso uma motivação para a sua própria vida. “Acredito que nossa cidade hoje é abençoada pelo grande número de cristãos que possui. As igrejas, além da evangelização propriamen-

te dita, também realizam um trabalho social, educativo e de resgate de muitas vidas”, frisou o vereador, afirmando que sem fé, seria praticamente impossível fazer política.

PAIXÃO PELO RÁDIO O também radialista Alex Tavares contou ao apresentador que o rádio entrou em sua vida quando ainda era menino, quando frequentava a rádio Vale do Gravataí, que ficava na praça, bem no

EVANGELIZAÇÃO Alex explicou ao apresentador Fabinho como foi o início de sua participação como evangélico. Disse que a primeira pessoa da família a se converter teria sido sua avó materna, depois outros

VEREADOR ALEX Membro da Igreja Assembleia de Deus de Gravataí, desde a infância, sem nenhum constrangimento Alex Tavares responde a pergunta se acredita realmente que política e fé podem andar juntas. Disse que

MARCHA PARA JESUS A Marcha para Jesus acontece oficialmente pela primeira vez em Gravataí, no dia 17 de maio, em um megaevento que

vai começar às 14 horas, com concentração em frente ao Ginásio Aldeião, seguindo depois numa grande caminhada até

o Parcão da 79, onde haverá apresentação de música gospel, hinos de louvor e bênção das famílias.

NADIR SEMPRE PRESENTE Vereador Nadir Rocha participou de uma reunião com a Associação de Moradores de Morungava, onde foi colocado em pauta o problema desse bairro com o transporte público. Presentes o secretá-

rio de Transito Adão Castro e representantes da Sogil. Depois dos debates ficou acordado que a questão será verificada e após será convocada uma nova reunião a fim de que o problema possa ser so-

lucionado o mais breve possível, dando um fim na situação considerada caótica pelos moradores que necessitam utilizar os ônibus da Sogil.


Gravataí, 14/05/2014 - Pág. 5

PRAÇAS DO CENTRO DA CIDADE PASSAM POR REVITALIZAÇÃO A previsão é de que até o final do segundo semestre os serviços sejam concluídos Saulo Bartz

C

omeçou esta semana, a manutenção das Praças Borges de Medeiros e Leonel de Moura Brizola (Quiosque), no Centro. A equipe da Secretaria Municipal de Serviços Urbanos (SMSU) está realizando o serviço de poda de árvores e limpeza. O serviço de poda e de corte de árvores só é permitido com a autorização da Fundação do

Meio Ambiente, através do alvará anual de podas e manutenções de lugares públicos. Neste caso, com protocolo de número 04/2014. Tendo supervisão das biólogas Rosangela Aguiar e Patrícia Tupi. A manutenção consiste na retirada de trepadeiras que deterioram os galhos, que poderiam causar algum acidente com usuários da praça. Além disso, retirada de uma árvore que estava totalmente sem vida. “Estamos fazendo alguns serviços nas praças do centro. O primeiro de limpeza biológica, que retira todos os parasitas localizados nas árvores. Conforme as atuações deles, os galhos vão secando e apresentam risco de queda.

Uma outra parte da manutenção consiste na poda dos galhos. Trata-se deum corte rotineiro para melhorar a iluminação da praça e nos pontos de táxi. É um corte rotineiro que é necessário”, revela o secretario de Serviços Urbanos, Pedro Bisch. Na mesma seção de manutenção foi identificada uma árvore que estava totalmente deteriorada na Praça Borges de Medeiros, representando um risco para a população que desfruta da praça. “Temos uma árvore totalmente morta na praça. As biólogas a condenaram. Estamos fazendo o corte total dela.

Assim que acabarmos toda a manutenção, vamos plantar outras mudas na mesma praça para ampliarmos a vegetação”, destaca o secretario. Além de todos estes serviços, a manutenção vai revitalizar os canteiros das praças, para melhorar a circulação dos pedestres. “O intuito e revitalizar os canteiros, deixando a praça mais apresentável. No segundo semestre vamos concluir todas as obras, melhorando também a iluminação das praças”, finaliza o secretário.

Nesses horários, há menos acessos e mais facilidade em usar o sistema. O período de inscrição começou na última segunda-feira e vai até o dia 23 de maio pela internet. Segundo o último balanço do Inep, foram feitas 653 mil inscrições nas primeiras 24 horas. Também pelo Twitter, os candidatos reclamaram do congestionamento do site. Uma usuária escreveu: "2ª tentativa de inscrição no site do Enem e, como tudo no Brasil, não funcionou". "Aliás, não tem que haver melhores horários, e sim um sistema que atenda a demanda sempre!", reforçou. Outro reclamou: "Nossa, cada vez mais complicado se inscrever no #Enem2014. Finalizar a Inscrição é como um pulo no escuro. Paciência!". Por meio da assessoria de imprensa, o Inep afirmou que o sistema está

operando dentro da normalidade, com capacidade de 200 mil acessos simultâneos, e orientou os candidatos a continuarem tentando. De acordo com o instituto, casos de candidatos que não conseguem concluir a inscrição são pontuais. O Enem deste ano será feito com algumas novidades. Travestis e transexuais poderão ser identificados pelo nome social nos dias e locais de realização das provas. Para isso, é preciso fazer o pedido pelo telefone 0800616161, também até o dia 23. Já para evitar ausências, o Inep vai enviar uma mensagem aos inscritos no ano passado que não fizeram a prova. Eles serão alertados de que deixar de fazer o exame gera desperdício de recursos públicos. O Enem é destinado a estudantes que tenham terminado ou estejam concluindo o ensino médio, pessoas com mais de 18 anos que busquem o comprovante de conclusão do ensino médio e aquelas que queiram testar conhecimentos. O exame será realizado nos dias 8 e 9 de novembro. O valor da inscrição é R$ 35. Estudantes

Pedidos e solicitações de recolhimento de galhos e entulhos devem ser feitos diretamente para a Secretaria de Serviços Urbanos, através do telefones: 3496-4093 ou 3496-4418 (horário comercial) e (plantão) ou ainda pelo e-mail: smsu@gravatai.rs.gov.br.

A SMSU orienta para que a po-

INEP DIVULGA MELHORES HORÁRIOS PARA SE INSCREVER NO ENEM O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) divulgou, pelo Twitter, os melhores horários para se inscrever no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Segundo a autarquia, o acesso é mais fácil até as 9h da manhã, entre 14h e 17h e após as 21h.

pulação denuncie o despejo de lixo em locais públicos, ligando para a Guarda Municipal, no número 153. A prova documental com fotos, vídeos ou qualquer outro registro é importante para reconhecer o infrator.

da rede pública e pessoas com renda familiar até 1,5 salário mínimo são considerados isentos. A taxa deve ser paga até o dia 28 de maio. A nota do exame é utilizada como critério para acesso ao ensino superior por meio do Sistema de Seleção Unificada, que oferece vagas em instituições públicas de educação superior, e do Programa Universidade para Todos. A participação na prova também é requisito para receber o benefício do Fundo de Financiamento Estudantil, participar do Programa Ciência sem Fronteiras ou ingressar em vagas gratuitas dos cursos técnicos oferecidos pelo Sistema de Seleção Unificada da Educação Profissional e Tecnológica. Estudantes maiores de 18 anos podem obter a certificação do ensino médio por meio do Enem. Para se preparar, o aluno pode acessar o aplicativo Questões Enem, um banco de questões da Empresa Brasil de Comunicação, que reúne as provas de 2009 a 2013. O acesso é gratuito.

ANDAS GRAVATAIENSES TÊM ATÉ QUINTA-FEIRA (15) Gravataí está abrindo espaço para as bandas da cidade. A Prefeitura de Gravataí, através da Fundação Municipal de Arte e Cultura (Fundarc), está recebendo inscrições de bandas gravataienses até esta quinta-feira (15), para a primeira edição do Festival Inovamúsica. A iniciativa visa divulgar o trabalho dos músicos locais, viabilizando a gravação de um CD do grupo vencedor. Os nove finalistas irão gravar um CD ao vivo na noite da grande final. Segundo o coordenador do Departamento de Música da Fundarc, Ivam Souza, os inscritos deverão entregar, até quinta-feira (15), a declaração de propriedade de direitos autorais (modelo fornecido pela organização) e comprovante de arrecadação do ECAD. “Até o momento já se inscreveram banda de sertanejo universitário, samba, rock e vários outros gêneros. A única exigência que se faz é que as composições sejam inéditas e em português”, revela o coordenador. INSCRIÇÕES Para preencher a ficha de inscrição e receber o regulamento do concurso, os grupos devem comparecer à sede da Fundarc, localizada na Rua Antônio Donga, 15, no Centro. Para mais informações, os interessados podem entrar em contato com a Fundação através do telefone (51) 3484-6681 ou pelo e-mail fundarc.musica@gmail.com.


Gravataí, 14/05/2014 - Pág. 6

CARRO É ARROMBADO DENTRO DO ESTACIONAMENTO DO SHOPPING GRAVATAÍ De acordo com a 1ª Delegacia de Policia Civil, outros dois boletins de ocorrência referentes a arrombamento de veículos no estacionamento do shopping foram registrados na tarde de ontem (13) Larissa Hoffmeister

U

m veículo foi arrombado dentro do estacionamento do Shopping Gravataí, na tarde da última segunda-feira (12). De acordo com a proprietária, Nóris Quevedo Lemos, um notebook e uma bolsa de viagens com roupas novas, que estavam no carro, foram furtados. "É um descaso com os clientes isso acontecer, afinal, pagamos estacionamento para ter segurança e poder usar o estabele-

cimento com tranquilidade", desabafou Helena Quevedo, filha de Nóris. Conforme a vítima, ela chegou ao shopping por volta das 12h30, e ficou no local pouco mais de uma hora. "Quando voltei, o segurança do shopping ainda me questionou o porquê de eu não ter estacionado em um lugar que estivesse ao alcance da câmera de filmagem", afirmou. Segundo Helena, o shopping solicitou cinco dias úteis para que a empresa consiga acionar o seguro do estacionamento. " Se as providências não forem coerentes com a gravidade do ocorrido, vamos buscar nosso prejuízo na justiça", declarou Nóris. O boletim de ocorrência foi registrado na 1ª Delegacia de Policia Civil de Gravataí. De acordo com o Chefe de Investigação da delegacia, Jair Gonçalves, outras duas ocorrências referentes a arrombamento de veículos no estacionamento do shopping foram registradas na

tarde de ontem (13). A assessoria de imprensa do Shopping Gravataí, por meio de nota, declarou que o shopping e a Estapar, empresa terceirizada que cuida do estacionamento, estão tomando as devidas providências em relação as duas ocorrências. A administração anunciou ainda que já está providenciando melhorias no sistema de câmeras e reforço na equipe de segurança do estacionamento.

MARCHA PARA JESUS AGUARDA 4 MIL FIEIS NESTE SÁBADO Cerca de 4 mil pessoas deverão participar da Marcha para Jesus, promovida pela Associação Gravataiense da Aliança de Pastores Evangélicos (Ágape). A estimativa é do presidente da entidade, pastor Gerson Silveira. O evento, que conta com o apoio da Prefeitura, por intermédio da Fundação Municipal de Arte e Cultura, será realizado neste sábado (17), com concentração às 14h, em frente ao Ginásio Municipal de Esportes Adriano Ortiz Corrêa, o Aldeião. A marcha, com saída prevista para as 14h30 do Aldeião, seguirá até o Parcão e, durante o percurso, será acompanhada por duas bandas e três trios elétricos. No Parcão da Parada 79 ocorrerá a recepção dos fieis, com culto ao ar livre e participação das bandas Toque no Altar, do Rio de Janeiro, e Terceiro Céu, de Novo Hamburgo. O evento deverá se estender até por

volta das 18h30. A Marcha para Jesus é uma iniciativa internacional realizada conjuntamente por diversas denominações evangélicas anualmente em várias cidades do mundo, sendo que entre 1994 e 2000 ocorreu simultaneamente em cerca

de 170 países. O evento foi realizado pela primeira vez em 1987, em Londres, no Reino Unido, e chegou ao Brasil em 1993, por intermédio de lideranças evangélicas. Em Gravataí a Marcha para Jesus ocorrerá pela primeira vez.

SAIBA O QUE DIZ O CÓDIGO DE DEFESA DO CONSUMIDOR O estabelecimento que fornece o serviço de estacionamento aos seus clientes (supermercado, shopping), independente de ser pago, deve responder por furtos, roubos ou latrocínios ocorridos em seu interior, em razão do dever de segurança que assumiu. Avisos como "não nos responsabilizamos pelo veículo ou pelos objetos deixados no veículo" devem ser desconsiderados e não exoneram a responsabilidade do estabelecimento, de acordo com o art.025 do Código de Defesa do Consumidor (CDC). Neste sentido, o Superior Tribunal de Justiça editou a Súmula 130, que diz que "a empresa responde, perante o cliente, pela reparação de dano ou furto de veículo ocorrido em seu estabelecimento".

CURSO DE COMPOSTAGEM, HÚMUS E SUBSTRATOS Com o objetivo de qualificar a mão de obra dos produtores rurais do município, aumentando sua produção e geração de renda, a Prefeitura de Gravataí, através da Secretaria Municipal de Agricultura e Abastecimento (SMAA), em parceria com o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar) e o Sindicato Rural de Gravataí, iniciou nesta terça-feira (13), o curso “Compostagem, Húmus e Substratos”. O evento que será realizado até a próxima quinta-feira (15), ocorre na sede do Movimento dos Trabalhadores Desempregados (MTD), na parada 102 da ERS-020. Segundo a Engenheira Agrônoma da SMAA, Tatiana Almeida, este é um dos cursos mais procurados pela população. “O objetivo do curso é incentivar a adubação orgânica. Tivemos neste primeiro dia a compostagem com tijolos, amanhã faremos o mesmo processo com taquaras e no último dia, iremos utilizar o material como subtrato de mudas”, explica. Conforme o instrutor do Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar), José Sérgio Muller, a técnica de compostagem se utiliza do reaproveitamento de recursos do local para a terra se tornar cada vez

mais produtiva. “A composteira seria a lixeira da propriedade. Todos os resíduos como estercos, frutas e folhas infestadas por insetos, flores e galhos velhos devem ser colocados ali para futuramente serem reaproveitados pelo solo. Se forem colocadas minhocas no local, se torna o melhor adubo orgânico que pode existir”, afirma. De acordo com a produtora rural, Maria Elizabete Feijó, os cursos disponibilizados são de grande ajuda no plantio e trazem idéias novas para a atividade. “Nós aprendemos muito aqui com os instrutores. Eu estou juntando dinheiro no momento para fazer uma estufa de tomates para o próximo inverno”, conta. Tópicos abordados Durante os três dias, serão abordados tópicos importantes para o desenvolvimento das três técnicas de adubação. Na aula sobre compostagem, será explicada a definição, o local apropriado e o dimensionamento ideal da composteira, bem como quais materiais, equipamentos, misturas e enriquecimentos devem ser utilizados. Os professores ainda demonstrarão o processo de produção e as características desejáveis do sistema.


Gravataí, 14/05/2014 - Pág. 7

PASTORAL ARRECADA DOAÇÕES PARA CAMPANHA DO AGASALHO 2014 Na espera de um inverno rigoroso, comunidade pode doar roupas e alimentos

A

ULBRA Gravataí, através da Pastoral Universitária, está arrecadando doações para a Campanha do Agasalho 2014. Os donativos podem ser entregues nos pontos de coleta localizados nos saguões dos prédios 2 e 4 até o dia 06 de junho. As doações serão entregues ao Banco de Agasalhos do município, que repassará às famílias em situação de vulnerabilidade social de Gravataí. Durante a campanha também serão arrecadados alimentos não perecíveis, que serão encaminhados ao Banco de Alimentos. Segundo o capelão do campus, pastor Rafael Nerbas, funcionários, alunos e professores sempre deram um bonito exemplo de solidariedade em campanhas anteriores. Ele disse que conforme os números do Banco de Agasalho, foram arrecadadas até agora 67 mil peças de roupas em 2013, e que a comunidade acadêmica contribuiu com 1.436 roupas e 107 pares de calçados no ano passado. O pastor destacou, ainda, a partici-

pação do curso de Educação Física nas campanhas de solidariedade. Explicou que o curso realiza gincanas com seus alunos e uma das tarefas é a doação de itens de vestuários e de alimentos. Este ano, o curso realizará uma Mostra de Dança em que o ingresso será uma peça de roupa. A atividade é organizada pela professora Simone Klein e ocorre no dia 28/05, às 19h, no auditório. A Campanha do Agasalho ULBRA Gravataí ocorre anualmente e faz parte dos valores cristãos cultivados pela Universidade, que incluem a promoção do bem-estar social por todos os meios legítimos. Informações pelo e-

-mail: ulbragravatai@ulbra.br ou pelo telefone (51) 3431-7677 ramal 214. CAMPANHA DO AGASALHO 2014 A Campanha do Agasalho do município é organizada pela Prefeitura de Gravataí e contará com 25 pontos de coletas. A entrega das doações ocorre durante todo o inverno, beneficiando 46 entidades cadastradas nos programas da Secretaria Municipal da Família, Cidadania e Assistência Social. "Estamos precisando de agasalhos para todas as idades, porém a maior demanda sempre foi por roupas de bebês e vestuário masculino", ressalta a coordenadora do Banco de Agasalhos do município, Miriam de Mattos.

GOVERNADOR ENTREGA 25 VEÍCULOS À EMATERRS, ASCAR E SDR O governador Tarso Genro entregará, nesta quarta (14), 25 veículos à Emater/RS-Ascar e à Secretaria de Desenvolvimento Social, Pesca e Cooperativismo (SDR). A solenidade será realizada às 11h15, na sede da Instituição, em Porto Alegre. Estarão presentes o secretário de Desenvolvimento Rural, Pesca e Cooperativismo, Elton Scapini, a Direção da Emater/RS-Ascar, além de técnicos e extensionistas. Os veículos foram adquiridos com recursos oriundos de dois convênios com Ministério Pesca e Aquicultura (MPA), num total de cerca de R$ 2 milhões, sendo R$ 350 mil de contrapartida do governo estadual. Dos 25 carros, 17 serão repassados à Emater/RS-Ascar para o atendimento às famílias de pescadores artesanais de nove regiões do Estado. Os demais veículos farão parte da frota da equipe técnica do Departamento de Pesca, Aquicultura, Quilombolas e Indígenas, da SDR, para atender as demandas dos públicos prioritários do órgão. ASSISTÊNCIA AOS PESCADORES Os pescadores artesanais compõem um dos públicos assistidos

pela Emater/RS-Ascar, concentrando-se principalmente no Litoral Norte, no delta do Rio Jacuí, no Lago Guaíba e no norte da Laguna dos Patos. Ao todo, são cerca de 1.700 famílias que recebem orientações e apoio dos técnicos da Emater/RS-Ascar, no que diz respeito à organização em associações e cooperativas, ao ordenamento pesqueiro, ao acesso às políticas públicas e a mercados, além da valorização da mulher pescadora e acesso a direitos sociais básicos. RS PESCA E AQUICULTURA Estruturado para promover o desenvolvimento da pesca artesanal e da aquicultura familiar do Estado, por meio de ações planejadas e articuladas entre si, considerando a sustentabilidade social, ambiental e econômica da atividade, o Programa RS Pesca e Aquicultura, coordenado pela SDR, atua no diagnóstico da cadeia produtiva; na regularização

CAMINHÕES DE CARGA TERÃO CHIPS Desde segunda-feira (12), o Rio Grande do Sul conta com um corredor eletrônico de fiscalização, que dará mais agilidade às empresas e ao fisco. Com o lançamento do piloto do Sistema de Identificação, Rastreamento e Autenticação de Mercadorias, nominado como “Brasil-ID”, caminhões com chip de radiofrequência já podem passar por um pórtico virtual no Posto Fiscal de Torres, sem a necessidade de parar para a realização do registro de passagem nas notas fiscais. Atualmente, o motorista precisa estacionar o caminhão e ir até o guichê com as notas fiscais. Com a nova tecnologia, o caminhão segue pelo corretor eletrônico - exceto em alguns casos, quando o sistema digital apontar informação divergente ao ler o chip. “Nossa política é fazer todo o esforço para mobilizar a economia e tirar qualquer entrave que nos impeça de crescer. Com certeza, esse corredor eletrônico significa mais segurança e agilidade para as empresas e para o fisco”, ressaltou o secretário da Fazenda, Odir Tonollier. Identificação por Radiofrequência O sistema permite o rastreamento automático de cargas e documentos fiscais eletrônicos de veículos de carga por meio de um aparelho de radiofreqüência, ou seja, os caminhões vão circular com chips de Identificação por Radiofrequência (RFID), não necessitando de parada nos postos fiscais uma vez que os chips levam informações do chamado Manifesto Eletrônico de Documentos (MDF-e) com todas as notas fiscais eletrônicas (NFC-e) referentes aos produtos daquele veículo. “Assim que sai da transportadora, nós já sabemos qual é a carga do caminhão e podemos fazer uma avaliação de risco de maneira inteligente, acabando com a subjetividade”, explicou o subsecretário da Receita Estadual, Ricardo Neves Pereira. O Brasil-ID trará vantagens como redução dos custos dos produtos e do transporte, diminuição de furto e roubo de cargas, garantia de procedência e autenticidade dos produtos e combate à falsificação e ao contrabando. Além da segurança do monitoramento eletrônico, as empresas transportadoras que aderirem ao sistema contarão com maior agilidade na hora da fiscalização.

EDITAL DE NOTIFICAÇÃO(PRAZO 20 DIAS)

de empreendimentos coletivos que receberam recursos públicos para beneficiamento, estocagem e comercialização de pescado; no apoio à comercialização direta de pescado; na construção de tanques e/ou açudes para a aquicultura; e na capacitação de pescadores e aquicultores. Também são beneficiários do programa, quilombolas, indígenas e assentados da reforma agrária, bem como os novos produtores e as pessoas do meio rural em situação de extrema pobreza.

Credora Exequente: EMPRESA GESTORA DE ATIVOS - EMGEA - Pelo presente edital, por estar em lugar ignorado, fica notificada a pessoa adiante nomeada para ciência de que estamos autorizados na forma da lei (decreto-lei n.º 70 de 21.11.66 e Regulamentação Complementar), a promover a execução extrajudicial da hipoteca que onera o imóvel indicado a seguir. Fica cientificada, outrossim, de que tem o prazo de 20 (vinte) dias, a contar desta data, para purgar o débito e evitar a continuidade da execução, o que poderá ser feito na Agência Gravataí (Gravataí/RS) da CAIXA ECONÔMICA FEDERAL, onde foi obtido o financiamento, em qualquer dia útil. CONTRATO: 9.0478.9445.276-8 - SED: E-14.161/13 – MUTUÁRIOS: ANTONIO CARLOS DA SILVA, brasileiro, ferroviário, inscrito no CPF sob nº162.250.580-87, e sua esposa ANGELA MARISA GUIMARAES DA SILVA, brasileira, do lar, inscrita no CPF sob nº162.250.580-87, residentes e domiciliados em Canoas/RS – IMOVEL: Rua Afonso Celso (ex Rua J) nº45, Morada do Vale I – Gravataí/RS – Valor da dívida em 12/11/2013 - R$21.481,21 (vinte e um mil quatrocentos e oitenta e um reais e vinte e um centavos), que será devidamente atualizada à época do pagamento, acrescido de multa contratual e despesas pertinentes. Nos termos do art. 1.069 do Código Civil Brasileiro, notificamos V.Sas. da cessão do seu contrato à EMGEA – Empresa Gestora de Ativos, a partir do dia 29.06.2001, conforme disposto na Medida Provisória n.º 2196-1, de 28.06.2001. Ressalte-se que a cessão do crédito não implicou qualquer modificação nas condições vigentes do seu contrato, cuja administração continua a cargo da Caixa Econômica Federal. Porto Alegre, 12 de maio de 2014 - COMPANHIA PROVÍNCIA DE CRÉDITO IMOBILIÁRIO - AGENTE FIDUCIÁRIO - Publicações nos dias 12/05/2014, 13/05/2014 e 14/05/2014 no Jornal de Gravataí.

VENDE-SE Tele-Pizza, localizada na Rua Ernesto Gomes, 315, loja 03, junto ao Condomínio Residencial Village Center, com 26 blocos com mais de 520 apartamentos, em Gravataí - RS. Horário de funcionamento da Tele é das 19h às 23h. Média de 30 pizzas por noite. Faturamento médio de R$ 1.200,00 por noite. Custo com aluguel: R$ 450,00. Interessados tratar (51) 9764.7001 ou 9983.4594


Gravataí, 14/05/2014 - Pág. 8

EMPREGO VEJA DICAS SOBRE COMO RESPONDER ÀS PERGUNTAS DE ENTREVISTAS DE EMPREGO CONCURSOS PÚBLICOS SECRETARIA ESTADUAL DA FAZENDA Cargos e vagas: auditor fiscal da receita estadual (100) Nível: superior Salário: R$ 19.128,94 Prazo: 11 de junho Taxa: R$ 145,22 Inscrições: www.fundatec.org.br PREFEITURA DE TAPES Cargos e vagas: motorista (CR), operador de máquinas (1+CR), agente administrativo (5+CR), auxiliar pedagógico na educação infantil (3+CR), fiscal (1+CR), técnico agrícola (1+CR), técnico em contabilidade (CR), técnico em enfermagem (1+CR), técnico em informática (CR), assistente social (2+CR), biólogo (1+CR), contador (1+CR), farmacêutico (1+CR), fiscal tributário (1+CR), nutricionista (1+CR), professor de música (1+CR), professor de matemática (1+CR), professor de educação física (CR), professor de educação infantil (2+CR), professor de geografia (CR), professor de português (1+CR), professor de artes (1+CR), professor de ciências (CR), professor de língua inglesa (1+CR), professor séries iniciais (3+CR), psicólogo (2+CR), agente comunitário de saúde (CR) Níveis: fundamental, médio, técnico e superior Salários: entre R$ 597,17 e R$ 3.297,78 Prazo: 4 de junho Taxa: entre R$ 40 e R$ 90 Inscrições: www.fundacaolasalle.org. br/concursos

Conversamos com o analista de marketing Leonardo Marchetti que passa boa parte do dia se cadastrando em sites de empregos

A

entrevista é a etapa decisiva para quem está procurando emprego. Por isso, é a mais temida dos candidatos. De acordo com especialistas, não há respostas prontas para as perguntas, pois vai depender do que a empresa busca no profissional, e isso inclui características não apenas técnicas, mas principalmente comportamentais. Há quatro meses procurando emprego, o analista de marketing Leonardo Marchetti já passou por seis entrevistas desde outubro do ano passado. Marchetti acha que muitas perguntas são subjetivas e causam dúvidas na hora de responder. “Algumas como ‘Qual a posição você acha que mais adequada ao seu perfil, ‘Quais são seus pontos fortes e onde você enxerga chances de desenvolvimento’ e a clássica ‘O que você almeja para os próximos cinco anos’ eu não sei se respondo falando de mim, de coisas mais técnicas do trabalho ou de tudo junto”.

O analista de marketing ficou cinco meses na Austrália fazendo intercâmbio, e ele conta que em todas as entrevistas teve de dizer por que estava há tanto tempo sem emprego. De acordo com ele, além das perguntas técnicas sobre a experiência, outras perguntas se repetem em todas as entrevistas como "O que você pretende trazer para a empresa se for contratado" ou "Onde você se vê daqui a cinco anos". “Você não conhece a empresa por dentro ainda, não sabe se o que está falando pode ser um absurdo. As coisas acontecem tão rápido e tão de repente que cinco

anos é um tempo longínquo. Acredito que são perguntas desatualizadas que não provam muito a capacidade do candidato para a vaga”, diz. Para Marchetti, muitas questões tentam desvendar a personalidade de um modo forçado. “Acredito que muita gente vai a entrevistas com respostas já pensadas, para falar aquilo que o recrutador está querendo escutar, e isso tira a chance de muitos que são até mais capazes na função, mas não têm esse jogo de cintura para respostas prontas.” Rudney Pereira Junior, gerente de projetos do Grupo Foco, acha que a entrevista ideal é aquela que pede para o candidato dar exemplos de como se comporta em certas situações. “Eu vou conseguir saber os pontos fortes e fracos através das perguntas sobre comportamento”, afirma. Pereira Junior diz que não dá para escapar de clichês como criativo, dinâmico, ansioso, flexível nas respostas para perguntas que pedem para o candidato falar dele mesmo. Mas ele alerta que se optar por algumas dessas palavras, é recomendado citar uma situação em que uma dessas características predominou. “Até quando for falar que é ansioso cita o exemplo, isso pode ser visto como qua-

lidade”, diz. “Ao responder questões como "Onde você se vê em cinco anos ou dez anos", não pode dizer que quer ser dono de uma empresa. Por que a empresa vai contratar alguém que não quer ficar no emprego? Nem que quer ficar no mesmo lugar porque dá a ideia de ser estagnado”. Sobre o motivo da saída do emprego anterior, Pereira Junior diz que não é preciso mentir, pode até falar de problema de relacionamento com o chefe, mas sem se aprofundar. E sobre o motivo de querer sair da empresa atual? “Pode dizer que não está mais aprendendo na função, que quer assumir mais responsabilidades e ter mais oportunidades de crescer”. E se o recrutador perguntar o porquê de ter ficado muito tempo sem emprego, Pereira recomenda sinceridade na resposta. “Pode dizer que estudou, que viajou, que cuidou da empresa da família e que passou por algumas seleções que não deram certo”. O gerente de projetos diz que o entrevistado tem o direito de perguntar se tiver dúvida. “Pode questionar, por exemplo, se o recrutador quer que ele aborde o aspecto pessoal ou profissional na resposta”, diz.


Gravataí, 14/05/2014 - Pág. 9

POLICIA PAI E MADRASTA DE BERNARDO SÃO INDICIADOS POR HOMICÍDIO Em coletiva, delegada explica indiciamento do pai e da madrasta de Bernardo

A

Polícia Civil do Rio Grande do Sul indiciou, nesta terça-feira, os três suspeitos pela morte do menino Bernardo Boldrini. Segundo as investigações, entregues ontem (13) à Justiça, o pai e a madrasta da vítima, Leandro Boldrini e Graciele Ugulini, atuaram como mentores e executores nos crimes de homicídio qualificado por motivo fútil e ocultação de cadáver. Já a assistente social Edelvânia Wirganovicz, amiga de Graciele, é apontada apenas como executora dos mesmos crimes. OS INDÍCIOS DE LEANDRO Em seu conjunto, a exposição investigativa da Polícia Civil não apresentou novidades substanciosas em relação ao recentemente arrolado pela imprensa. Os delegados, todavia, traçaram um panorama em que se evidenciou a participação ativa e racional de Leandro Boldrini, à revelia do que seria a tentativa, por parte dos advogados, de livrá-lo das suspeições. Os indícios que levaram ao indiciamento do pai de Bernardo estão embasados em supostas condutas contraditórias, informações desencontradas e a comportamentos não condizentes com aquilo que, segundo os investigadores, seria de se esperar de um pai na dita situação. "Desde o início, notamos um comportamento totalmente diferente do que se espera de um pai cujo filho está desaparecido; parecia estar sempre tranquilo", afirmou em sua exposição a delegada responsável pelo caso, Caroline Bamberg Machado. "O Leandro e a Graciele passaram a impressão de que estavam até mesmo satisfeitos com o ocorrido", afirmou, em resumo sobre a conduta do casal nos dias subsequentes ao desaparecimento do menino. Segundo a investigação, Leandro também incorreu em o que foram considerados incongruências de postura: procurou Bernardo no dia seguinte ao seu desaparecimento, no dia 4 de abril, quando, no passado, costumava passar até 15 dias sem buscar o filho, que costumava passar períodos na casa de

amigos. "Há vasto relato de várias testemunhas dizendo que o menino passava 15 dias na casa de outras pessoas, e por que nesse dia (posterior ao desaparecimento) procurou? Isso também começou a nortear a nossa investigação no sentido de que tinha mais certeza da participação dele", disse a delegada. A realidade familiar teria sido mesmo inicialmente negada e deturpada. "O Leandro, em seus primeiros depoimentos, relatou que não tinha problemas de relacionamento com Bernardo, nem Graciele. Que eram só probleminhas básicos. Isso foi desmascarado com várias testemunhas, ligações, que falam que eles tinham problemas sim. Ele (Leandro) tentou nos induzir a uma realidade que não existia quando afirmou que ele e o filho e Graciele não tinham problemas de relacionamento", ressaltou Bamberg. Por sua vez, um dos principais indícios é um receituário médico assinado por Leandro para compra de Midazolan, sedativo prescrito para endoscopia e cujos traços foram identificados no cadáver de Bernardo. Há também provas físicas e testemunhais de que Edelvânia e Graciele compraram o remédio em cápsula, bem como foi dada falta do mesmo medicamento na clínica de Leandro. DO PLANEJAMENTO E EXECUÇÃO DO HOMICÍDIO À parte o envolvimento de Leandro, que é uma convicção da polícia, a polícia detalhou a relação entre Graciele e Edelvânia bem como buscou indícios mais antigos da suposta ideia de assassinato do menino. A delegada responsável pelo caso relatou que, entre o final de janeiro e fevereiro, uma amiga ouviu de Graciele que ela teria planos de matar Bernardo. Foi, segundo a polícia, um artifício similar ao adotado pela madrasta do menino quando da sua aproximação com Edelvânia. Esta amiga, cujo nome não foi revelado, buscou a polícia por iniciativa própria, o que, segundo a delegada, provê consistência à intenção do homicídio provando que o plano existia, pelo menos em ideia, antes mesmo dos seus contatos com Edelvânia. Após a negativa desta amiga em prover ajuda, a ideia teria tido prosseguimento até a aceitação de Edelvânia em participar. Sua motivação: a ajuda financeira para qui-

tatr parcelas e dívidas de um apartamento comprado.

DIVULGAÇÃO/JG

Tudo foi planejado para o dia 4 de abril, quando, após encenarem um ambiente familiar alegre e ao mentir para Bernardo que ele seria levado para comprar um aquário. "Bajularam o Bernardo no meio-dia do dia 4, o dia de trnaquilidade que pairou no dia 4 era anormal na casa, nunca acontecia", afirmou a delegada. No carro, dirigido por Edelvânia, o menino teria recebido uma primeira dose de Midazolan, sob o pretexto de "ficar calmo" pois depois iria se "benzer". Ele foi ulteriormente morto e teve seu corpo colocado em um buraco cavado perto do Rio Mico, numa zona de mata de Frederico Westphalen. O contexto apontaria, portanto, para um quadro complexo de arquitetura criminal. Uma testemunha ouvida pela polícia teria afirmado que "quem arquitetou foi o Leandro", referindo-se ao fato de que Graciele não teria a capacidade de assumir a trama por completo. "Inclusive uma melhor amiga dela (Graciele) diz que ela não teria capacidade para arquitetar um plano tão bem bolado desses", afirmou. Isso estaria comprovado em escutas telefônicas que apontariam para um movimento da defesa de livrar o Leandro de envolvimento com o crime. "Está bem claro nas ligações que os três advogados combinam que as duas vão inocentar ele. Se fosse inocente não precisava dessa combinação", colocou Bamberg. Questões em aberto e convicção da morte de Leandro Caroline Bamberg descartou que o inquérito sobre a morte de Odilaine Uglione, mãe de Bernardo, será reaberto. De acordo com ela, há convicção de que Odilaine se matou e não surgiu algum fato novo sobre o caso. A defesa da mãe de Odilaine, Jussara Uglione, aventou recentemente a reabertura do caso da morte de sua filha em virtude da morte do neto. Mas algumas questões seguem em aberto. A primeira delas recai sobre Evandro Wirganowicz, preso temporariamente no último sábado por suspeita de ter colaborado na abertura da cova onde Bernardo foi enterrado, os trabalhos de investigação ainda prosseguem. "Temos que trabalhar ainda mais e verificar qual foi a real participação

dele", informou a delegada. "Há outras provas que indicam que ele possa ter participação nesse crime", completou. Da prisão, Edelvânia escreveu uma carta em que absolve o irmão. A causa da morte de Bernardo também aguarda laudos técnicos para ser detalhada. A polícia tem convicção de que o uso de Midazolan constitui causa central do homicídio, mas não concluiu ainda em que condições ocorreu o enterro às margens do Rio Mico. O CASO Bernardo Uglione Boldrini, 11 anos, desapareceu no dia 4 de abril, em Três Passos, depois de – segundo a versão da família - dizer ao pai que passaria o fim de semana na casa de um amigo. PUBLICIDADE O corpo do garoto foi encontrado no dia 14 de abril, em Frederico Westphalen, dentro de um saco plástico e enterrado às margens do rio Mico. Na mesma noite, o pai, o médico Leandro Boldrini, a madrasta Graciele Ugulini, e a assistente social Edelvânia Wirganovicz foram presos pela suspeita de envolvimento no crime Segundo a Polícia Civil, o menino foi dopado antes de ser mor-

to, possivelmente com uma injeção letal. No dia 10 de maio, um quarto suspeito de envolvimento no crime foi preso: Evandro Wirganovicz, irmão de Edelvânia. Para a polícia, indícios apontam que ele participou da ocultação de corpo do menino. A decisão sobre Evandro Wirganovicz, o irmão de Edelvânia preso no último fim de semana por suspeita de participação no crime, ainda não foi anunciada; as investigações prosseguem e ele permanece em prisão temporária. A polícia informou que montou seu inquérito - ainda indisponível ao público - com base em mais de 100 depoimentos colhidos juntos a parentes e amigos dos envolvidos no caso. A única prova disponível no caso remete ao auto de necropsia de Bernardo, através do qual se comprovou a existência de traços do sedativo Midadolan, usado para, no mínimo, dopar o garoto (a causa determinante da morte, em si, não foi ainda identificada). Aliam-se a estas evidências documentos como notas fiscais e o receituário médico, assinado por Leandro, para a aquisição do medicamento. A polícia também lançou mão de interpceptações telefônicas que iluminam, mas não provam, as conjecturas da trama.


Gravataí, 14/05/2014 - Pág. 10

GIRO PELO ESPORTE PREFEITURA E CERÂMICA ABREM MAIS UM NÚCLEO ESPORTIVO

DIVULGAÇÃO/PMG

O quinto Núcleo Ceramista fica localizado na Amovale III na Morada do Vale

SUB-20 JOGA ÚLTIMA PARTIDA DA PRIMEIRA O time Sub-20 do Cerâmica tem nesta quarta-feira, 14, o último compromisso na primeira fase do Estadual júnior. Na manhã de ontem, os jogadores participaram de um treino recreativo no gramado Suplementar do estádio Antônio Vieira Ramos. Já classificado matematicamente para as quartas de final do Estadual de juniores, o Tricolor de Gravataí vai à busca de uma vitória nesta quarta-feira para garantir

melhor colocação no grupo e ter vantagens nas próximas etapas. Nesta manhã o plantel treinou no gramado Suplementar, aonde os atletas participaram de um rachão. O técnico Paulo Cézar Magalhães não deve fazer muitas mudanças no time que enfrentou o Novo Hamburgo no domingo. O jogo contra o São Paulo de Rio Grande começa às 15h no estádio Vieirão, com entrada franca.

TRICOLOR TRABALHA EM DOIS PERÍODOS Após garantir a classificação para a semifinal do segundo turno da Divisão de Acesso, ao aplicar sonoros 7 a 1 no Santo Ângelo, o Cerâmica volta aos treinos visando a sequência do campeonato. Os atletas que atuaram por mais de 45 minutos na partida de domingo receberam folga para recuperar o desgaste físico. Já os demais integrantes do plantel Tricolor treinaram em dois períodos na segunda, sendo a parte física pela manhã e a técnica pela tarde no estádio Antônio Vieira Ramos. O Tricolor de Gravataí segue focado no principal objetivo do ano, garantir seu retorno à elite do futebol gaúcho. Para que isso ocorra, o grupo vem treinando forte, sempre em dois períodos. Pela manhã os atletas fazem um treino físico na academia do clube,

sob o comando do preparador físico Marco Freitas. Pela tarde, o técnico Hélio Vieira orienta o treino e comanda trabalho com bola de ataque contra defesa. Os jogadores que atuaram por mais de 45 minutos na vitória contra o Santo Ângelo tiveram folga e retornraam aos treinamentos ontem. A primeira partida da semifinal está marcada para amanhã, dia 15, quando o Cerâmica recebe o União Frederiquense, no estádio Vieirão. O jogo começa às 19h e os ingressos novamente terão preço único de R$ 5.00.

C

om o objetivo de oferecer uma nova oportunidade a crianças e jovens de Gravataí, a Prefeitura, através da Secretaria Municipal de Esporte e Lazer (Smel), em parceria com o Cerâmica Atlético Clube e a Associação dos Moradores da Morada do Vale III (Amovale III) abriu mais um Núcleo Ceramista, que fica localizado na Rua Aliança, 300, na Morada do Vale III. O Núcleo Esportivo atenderá 120 alunos, de sete aos 15 anos, de ambos os sexos, as terças e quintas-feiras das 8h30 às 11h30 e das 14h às 17h. Representando o prefeito em exercício Evandro Soares, o secretário da Smel, Luciano Oliveira, enfatizou que o esporte necessita de visibilidade, pois através da divulgação das atividades os empresários da cidade ficam conhecendo a seriedade com que é tratado o Esporte em Gravataí, e que venham a investir nesta modalidade. “Tínhamos quatro Núcleos Esportivos de Futebol de Campo sem a infraestrutura de um time profissional. Esta parceria com o Cerâmica trará para os atletas um professor de educação física, acompanhamento com nutricionista, fisioterapeuta e assistente social”, revela o secretário. O presidente do Cerâmica, Décio Becker, falou da importância do empresário em investir no seu município, principalmente em cultura e lazer para os jovens. “Gravataí é uma cidade que está

crescendo muito, e necessitamos socializar nossos jovens, oferecendo-lhes esporte e cultura”, referiu o presidente. Becker frisou que além da estrutura do Cerâmica, os alunos terão fardamento para jogos, abrigo, coletes para treinamento, material esportivo e lanche. “Na parte cultural estamos proporcionando aos alunos matriculados a ida aos eventos culturais da cidade. Nesta quinta-feira iremos proporcionar uma ida ao teatro do SESC”, observou o presidente. O representante da Câmara de Vereadores de Gravataí, vereador Nadir Rocha, referiu que o município é conhecido mundialmente, através de suas empresas, que fabricam peças que são exportadas para vários países. “Na área esportiva temos o Cerâmica que leva o nome da cidade pelo Brasil afora. Quero agradecer a todos os envolvidos o trabalho que está sendo realizado na cidade em prol dos jovens”, ressaltou o vereador. O presidente da Amovale III, Clairton Rocha, falou de seu projeto que vem desde 2006, sendo posto em prática. “Queremos tirar os jovens e as crianças das ruas, oferecendo atividades esportivas”, destacou o presidente. Para Rocha, a parceria com a Smel e o

Cerâmica vem ao encontro deste projeto. O professor do núclio Cristian Bueno Cardoso falou com entusiasmo de seus 60 atletas. “Os alunos já incluídos estão com muita ‘fome’ de bola, temos que manter este espírito treinando pra valer”, destaca o professor. Participaram do evento os vereadores Alemão da Kipão e Paulinho da Farmácia; e o representante do vereador Alan Vieira, Régis Tadeu da Rosa. O vice-presidente da Liga Gravataiense de Futebol Alison Lanes, o diretor de Recreação e Lazer da Smel, Adroaldo Gardê, a diretora dos Núcleos Esportivos, Cristina Fonseca, a chefe de gabinete, Nara Corrêa e o professor que deixa o núcleo, Leandro Soares Ferreira. Pelo Cerâmica o Ligeirinho, o coordenador dos Núcleos Ceramistas, Jean Thiesen, a assistente social Anita Efla e o gerente administrativo do Cerâmica Rodrigo Klein. Os núcleos Ao todo, o município conta com cinco núcleos em parceria com o Cerâmica, cada um com 120 vagas para meninas e meninos dos sete até os 15 anos. Até a finalização do projeto, serão inseridos mais um, totalizando 720 vagas para toda a comunidade jovem gravataiense. Cada local conta com a assistência de um professor de Educação Física, além de acompanhamento com nutricionista, fisioterapeuta e assistente social. O clube também disponibiliza fardamentos para jogos, abrigos, coletes para treinamento, material esportivo completo e lanches. Tanto as inscrições (realizadas nos próprios núcleos) quanto as mensalidades são gratuitas.


Gravataí, 14/05/2014 - Pág. 11

ENTRETENIMENTO CULINÁRIA Purê de batata com requeijão gratinado

GLOBO TEM DUAS POSSIBILIDADES PARA TÍTULO DE NOVA TRAMA DAS 19H; SAIBA QUAIS

INGREDIENTES 1 kg de batatas para purê; 2 colheres (sopa) de margarina Qualy; 4 colheres (sopa) de molho de tomate pronto de sua preferência; 3/4 de copo de requeijão de sua preferência; 100 g de mussarela ralada; Sal a gosto MODO DE PREPARO Cozinhe as batatas até ficarem bem macias Escorra a água e com a batata ainda quente amasse e incorpore a margarina, o requeijão e o sal Por cima regue com o molho pronto e mussarela Coloque no forno bem quente ou microondas só até derreter a mussarela

PALAVRAS CRUZADAS DIRETAS

Aparelho Agente contrativo alérgeno dos átrios de locais cardíacos úmidos

© Revistas COQUETEL

NotreDame A cor róseo-pálida

O país de origem do krav maga Protagonista do filme "Gravidade"

Droga sintética alucinógena Prática prejudicial à vida marinha

Máquinasímbolo do desmatamento Estado mais novo do Brasil (sigla) Gênero musical Formiga, em inglês

São organizadas pela "promoter" Apêndice da ânfora Oração cristã que encerra os artigos básicos da fé católica Cicatriz, em inglês Agregar; incorporar

Jornal da cidade do Rio de Janeiro Nome da Escritor de primeira "O Retrato ovelha de Dorian clonada Gray"

Execuções rápidas de notas de um acorde

Nome usual do asilo para idosos Alumínio (símbolo) Apartamento (abrev.)

Migrar Patente militar de Tiradentes Raio de roda do engenho de açúcar

Molde de escultura

Semvergonha (bras.)

Parte introdutória de matéria jornalística

Linus Torvalds, criador do Linux

Muito bem vestido (pop.)

O D

Acinzentado Vinho, em inglês

O mundo inteiro Constituem o maior potencial energético do Brasil Errar, em inglês

Fatia fina de peixe, sem espinhas

Compaixão País árabe de capital Sanaa (?) Batista, empresário do grupo EBX Formato do esquadro do pedreiro

Faziam frente a (um ataque) Vitamina que previne a oxidação da célula

Sinal Método de avaliação gráfico iutilizado no Enem nexistente (sigla) no inglês

3/ant — err. 4/aspe — lide — scar — wine. 5/dolly. 7/ecstasy — tasselo.

37

Solução W F IL D R E

I N E T O D E R I O S I N E R R E S I S T I A M E A C EN

O S C S K E L T O

BANCO

A Globo, como antecipado aqui, desistiu de usar “Búu” como título de sua próxima trama das 19h, substituta da recém lançada “Geração Brasil”. Agora, a emissora carioca trabalha com duas novas possibilidades para o nome definitivo da história, escrita por Daniel Ortiz. Segundo a coluna de Patrícia Kogut, o canal trabalha com “Sobrenatural”

Misture bem e transfira para um recipiente que possa ir ao forno

www.coquetel.com.br

NOTÍCIAS DA TV

e “Alto Astral”, mas ainda não existe uma decisão oficial a respeito para a produção, cuja estreia está prevista para o dia 3 de novembro. O folhetim integra o núcleo do diretor Jorge Fernando e será a primeira novela de Monica Iozzi na Globo, após participação como comentarista do “Big Brother Brasil”.

HORÓSCOPO DO DIA Áries: As energias continuam tensas e você ainda deve manter o auto-controle e não agir por impulso. Mais alguns dias e tudo começa a retomar certo equilíbrio, depois de alguns meses difíceis. No amor, o clima esquenta cada vez mais.

Leão: Os projetos que envolvem viagens e contatos com pessoas e empresas estrangeiras ainda passam por momentos de tensão e decisões, que devem ser rápidas, mas não impulsivas. Mudanças na fé e na filosofia de vida.

Sagitário: A tensão continua e romances e relacionamentos com filhos podem estar passando por turbulências. Mantenha a calma e não tome decisões definitivas. Sol e Saturno em tenso aspecto pede cuidados com a saúde e momentos de reclusão.

Touro: Seu regente e Urano em uníssono recebem forte pressão de Plutão e Marte, indicando impulsividade e pouca tolerância com situações e pessoas sem limites. Tempos de rompimentos internos e decisões definitivas.

Virgem: As energias continuam complicadas com relação à sua vida financeira. Continue mantendo seus gastos sob controle e adie acordos hoje e nos próximos dias. O momento envolve maior seriedade e comprometimento com seus projetos.

Capricórnio: A tensão no céu continua por mais alguns dias, portanto, mantenha o auto-controle e não tome decisões definitivas. Saturno, seu regente, em tenso aspecto com o Sol, aumenta as responsabilidades em questões que envolvem o coração.

Gêmeos: Você sente que um romance ou uma amizade está por um fio e, caso não queira perder alguém, deve usar o máximo de diplomacia. O momento continua envolvendo muito cuidado, com decisões baseadas no impulso. Câncer: As energias continuam tensas e envolvem diretamente sua vida, especialmente a carreira e os relacionamentos familiares. Todo cuidado ainda é pouco. No amor, a seriedade toma conta de você e sua vontade de comprometimento aumenta ainda mais.

Libra: As energias permanecem densas e tensas e você deve continuar se esforçando para manter a calma e o equilíbrio. No entanto, financeiramente, a tendência é de melhora, pois a fase é de recuperação e estruturação financeira. Escorpião: Sol e Saturno movimentam seus relacionamentos, trazendo seriedade, comprometimento e muita responsabilidade. É hora de firmar namoro, sociedades ou ate mesmo casamento. A tensão continua e os cuidados com a saúde devem ser mantidos.

Aquário: Sua ansiedade continua alta e você deve tentar acalmar-se. Respire fundo varias vezes antes de qualquer decisão ou reação importante. O momento envolve maior responsabilidades profissionais e comprometimento com novos projetos. Peixes: Continue mantendo suas finanças sob rígido controle, pois a tensão no céu continua por mais alguns dias. O momento envolve maior comprometimento com questões que envolvem organização e auto-controle. Tenha calma.


Quarta-feira, 14 de maio de 2014

JORNAL DE GRAVATAÍ

CONTRACAPA RS TEM ADESÃO DE 100% DE MUNICÍPIOS NO DIA DO DESAFIO 2014 Gravataí participa do lançamento estadual do Dia do Desafio

G

ravataí este representada na presença do Prefeito, Evandro Soares, acompanhado do secretário municipal de Esporte e Lazer, Luciano Oliveira, no lançamento do Dia do Desafio (DDD), realizado na manhã desta terça-feira (13), na Capital. O DDD ocorre no dia 28 de maio e este ano contará com uma novidade, os 497 municípios gaúchos estarão envolvidos no evento. Participaram do evento a gerente do SESC Vale do Gravataí, Rita Fagundes, o presidente do Sindilojas Gravataí, José Rosa, além de autoridades como o ex-secretário estadual de Esportes, Kallil Sebhe, o Secretário Extraordinário da Copa de 2014 de Porto Alegre, João Bosco Vaz, o ex-secretário de esportes de Sapucaia do Sul, Geraldo Mattos Filho, o Mazzaropi, o deputado estadual Carlos Gomes e os ex-jogadores da Seleção Brasileira Luisão e José Macia, o Pepe, Campeão da Copa do Mundo de 1958. O Dia do Desafio é uma relização da Fecomercio-RS, do SESC e das prefeituras municipais. "Como homem ligado ao esporte é um prazer e uma honra estar representando o município como prefeito em um evento que visa incentivar as pessoas para a importância da prática esportiva", afirmou Evandro Soares. Em Gravataí, a programação do Dia do Desafio já está definida, com a realização de atividades distintas durante todas as 24

horas do dia 28. A expectativa do secretário de esportes Luciano Oliveira é para a superação da marca de 72 mil pessoas, número de participantes do último ano. A Prefeitura, através da Secretaria Municipal de Esporte e Lazer (Smel), juntamente com o SESC e o Sindilojas preparam o lançamento local do Dia do Desafio. O evento ocorre no dia 15 de maio, às 14h30, na Sala Multiuso do Sesc Gravataí. “A participação de todos os municípios do Estado representa o tamanho e a importância do evento. Esperamos que neste ano, Gravataí se envolva ainda mais do DDD e participe em peso das atividades. A partir da próxima semana, iniciamos uma contagem regressiva para o dia 28 de maio”, declarou o secretário Luciano Oliveira. "Será a primeira vez que estaremos realizando o Dia do Desafio em todos os 497 municípios do Estado. Em 1993, começamos com apenas sete cidades e o evento cresce a cada ano, graças as fundamentais parcerias com as prefeituras", afirmou o diretor regional do SESC, Everton Dalla Vecchia. Recorde O Rio Grande do Sul bateu novo recorde de inscritos no Dia do Desafio e será o único estado brasileiro a mobilizar neste ano 100% dos seus municípios. As 497 cidades gaúchas aceitaram participar da grande mobilização em prol da qualidade de vida marcada para o dia 28 de maio em todo o Continente Americano. Na manhã desta terça-feira (13/05), em Porto Alegre, aconteceu o lançamento estadual do DDD 2014.

O evento de lançamento contou com a presença de autoridades, parceiros e imprensa. O diretor regional do Sesc/RS, Everton Dalla Vecchia, apresentou uma retrospectiva da Seleção Brasileira nas Copas do Mundo e destacou a participação do Sesc Campestre, como Centro de Treinamento Oficial no Mundial deste ano. "O futebol é só uma das atividades do Dia do Desafio. Nossa proposta é que em 28 de maio se forme uma rede em todo RS para que as pessoas saiam da rotina e sejam contagiadas pelo espírito esportivo e de superação", disse. O público pôde conferir, também, um bate-papo com os jogadores Pepe (vencedor das Copas de 1958 e 1962) e Luizão (campeão da Copa de 2002), em que o jornalista Duda Garbi foi o mediador. Realizado simultaneamente em diversos países, o evento estimula a prática de atividades físicas, numa disputa saudável realizada anualmente na última quarta-feira do mês de maio. A proposta é que as pessoas interrompam suas atividades rotineiras e pratiquem por, ao menos 15 minutos consecutivos, qualquer tipo de atividade física. A ação acontece em forma de confronto entre duas cidades de mesmo porte populacional. O município que mobilizar mais pessoas em relação ao número oficial de habitantes vence. Este ano, a Capital gaúcha enfrentará Guarulhos pela segunda vez. Em 2012, Porto Alegre mobilizou 46,55% da população, enquanto a cidade paulista envolveu apenas 31,39% de seus habitantes. Confira os demais confrontos no site www. sescsp.org.br/diadodesafio. Uma

das atividades já programadas para o DDD em Porto Alegre é a tradicional Corrida Noturna, que acontecerá no primeiro minuto da madrugada do dia 27 para 28, com largada no Parque Marinha do Brasil. As inscrições já estão abertas e podem ser realizadas pelo site www.sesc-rs.com.br/circuitodecorridas. O projeto, realizado desde 1997 no Rio Grande do Sul pelo Sistema Fecomércio-RS/Sesc, acontece em parceria com as prefeituras e Governo do Estado, através da Secretaria Estadual de Esporte e Lazer. O Dia do Desafio integra o calendário oficial do Estado por força da Lei 12.492 de 16 de maio de 2006, de autoria do então deputado estadual Giovani Cherini. Outras informações podem ser obtidas nas Unidades Operacionais do Sesc ou nos Balcões Sesc/Senac. No Rio Grande do Sul, o Sesc está presente nos 497 municípios gaúchos com atividades sistemáticas em áreas como a saúde,

esporte, lazer, cultura, cidadania, turismo e educação. Desta forma, o Sesc/RS desempenha o papel social, assim como o Senac o da qualificação profissional do Sistema Fecomércio-RS, entidade que atua em âmbito econômico, político e social pela constante qualificação e crescimento do setor terciário gaúcho. Saiba mais sobre a entidade em www.sesc-rs.com.br. Move Brasil – O Dia do Desafio é uma ação para o Move Brasil, que reforça o compromisso do Sesc com a promoção da saúde e da prática de atividades físicas e esportivas, duas de suas áreas prioritárias. A instituição planeja atividades que se multipliquem nacionalmente e beneficiem milhares de brasileiros. Dessa forma, oferece assistência médica por meio de ações destinadas ao diagnóstico e à prevenção de doenças, além de experiências esportivas como meio de lazer ou vivência de aprendizagem e aperfeiçoamento de uma modalidade.


SAÚDE & CIA

Caderno semanal do Jornal de Gravataí - Circula em Gravataí, Cachoeirinha, Glorinha e Santo Antônio da Patrulha - Quarta-feira , 14 de maio de 2014 - Ano IV - Nº 216

ANIMAIS TAMBÉM PODEM SER TERAPEUTAS E AJUDAR NO TRATAMENTO DE DOENÇAS A "pet terapia" pode ajudar a tratar depressão, doenças cardíacas e estresse

N

a alegria ou na tristeza, na saúde ou na doença. O juramento dos matrimônios se encaixa muito bem na fidelidade dos animais de estimação. Inclusive, hoje a última parte pode ser levada ao pé da letra: está se tornando cada vez mais comum que os pets colaborem para a recuperação de pacientes dos mais variados casos clínicos. "A Terapia Assistida por Animais (TAA) consiste em tratamentos na área da saúde, onde um animal é co-terapeuta e auxilia o paciente a atingir os objetivos propostos para o tratamento", ensina Laís Milani, psicóloga e membro da diretoria da área de Terapia Assistida por Animais do Instituto Nacional de Ações e Terapias Assistidas por Animais (Inataa). No Hospital Israelita Albert Einstein, em São Paulo, a entrada de bichos de estimação é

liberada desde o ano de 2009, desde que autorizado pelo médico responsável de cada paciente. "Na verdade sempre existiu essa solicitação, que partia de pacientes e familiares. Como existia demanda e isso até encurta a permanência das pessoas no hospital, de acordo com diversos estudos, criamos esse fluxo e o transformamos em uma rotina, com procedimentos claramente definidos e institucionalizados", explica Rita Grotto, gerente de atendimento ao cliente do hospital. Muitas instituições e ONGs também trabalham levando esses animais até escolas, hospitais e centros de recuperações, como no Instituto de Psiquiatria do Hospital das Clínicas e Instituto Dante Pazzanese de Cardiologia em São Paulo, e na APAE de Nova Iguaçu e na Casa Abrigo Betel, ambas no Rio de Janeiro. E em muitos casos o animal terapeuta não precisa ser disponibilizado por uma organização não governamental, pode ser o próprio bichinho do paciente. Qual o animal certo para a pet terapia?

Nem todo animal nasceu para ser um terapeuta, por assim dizer. "Ele precisa ser tranquilo, ter uma personalidade que as pessoas possam abraçar, beijar e apertar, sem que ele reaja", explica o adestrador José Luis Doroci, fundador do Projeto Novo Guia. Os animais mais comuns são os cães e os cavalos, que no geral tem um temperamento mais dócil. Mas gatos, jabutis, peixes, coelhos e aves também podem e são usados nesse tipo de projeto. Até mesmo botos, cobras e aranhas, animais bem mais exóticos, são terapeutas. Quando o pet pertence ao dono, um profissional especializado em TAA pode ajudá-lo a fazer a terapia em casa com o bicho de estimação. Animais que curam O benefício terapêutico dos bichos já vem sendo observado há algum tempo. "Em 1955, no Brasil, a psiquiatra Nise da Silveira relatou os benefícios desta

interação no convívio de seus pacientes esquizofrênicos com cães e gatos adotados pela instituição aonde trabalhava", relembra Cristiane Blanco, também psicóloga do Inataa. Não há uma recomendação específica de quem pode ser ajudado pela pet terapia. "Qualquer paciente pode ser beneficiado, desde que não haja alguma contraindicação, como por exemplo, medo de animais, alergia ou problemas de respiração, entre outros", observa a psicóloga Fabiana Oliveira, do Instituto para Atividades, Terapias e Educação Assistida por Animais de Campinas (Ateac). Porém, alguns tipos de pacientes e alguns quadros clínicos têm um resultado já atestado. Confira quais são eles. Estimula crianças Diversos problemas infantis podem ser melhorados com o convívio com animais. Um exemplo é a melhora do quadro de portadores de autismo. "Elas

DR LEVI LORENZO MELO Cirurgia da Obesidade - Cirurgia do Aparelho Digestivo Cirurgia Geral - Cirurgia Videolaparoscópica Endoscopia Digestiva Gastroenterologia - Colonoscopia CREMERS 17112

têm muita dificuldade no contato social e a simples presença de um animal treinado associada a atividades adequadas para eles auxiliam nesse desenvolvimento", relata Paula Lopes, neuropsicóloga da Associação Brasileira de Hippoterapia e Pet Terapia (Abrahipe) e do Centro de Reabilitação Gessy Evaristo de Souza. Estudos mostram que as crianças autistas apresentam diminuição nos comportamentos negativos, como agressividade, alienação, isolamento, entre outros com a presença de cães nas seções, por exemplo. Hiperativos também encontram benefícios com essa terapia. "O bicho pode deixar a criança mais calma, eu mesmo trabalho com uma que até diminuiu a dose do remédio", conta José Luis Dorici, professor de educação física, adestrador de cães e fundador e coordenador do Projeto Novo Guia, que trabalha com TAA há 13 anos.

DRA. JUCELEI DE FÁTIMA VISIOLI MELO Neurologia Infantil Neuropediatria Eletroencefalograma CREMERS 17399

M U L T I - E S P E C I A L I D A D E S

Gravataí

Rua Adolfo Inácio Barcelos, 568. Gravataí - RS - Telefone/Fax: 51 3042-9400 - Acesse www.millenarium.com.br


2

SAÚDE & CIA

Gravataí, quarta-feira , 14 de maio de 2014

A ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL DO PACIENTE COM CÂNCER

VITAMINA C MELHORA A IMUNIDADE DIMINUI O ESTRESSE A vitamina C, cujo nome técnico é ácido ascórbico, é uma vitamina hidrossolúvel, ou seja, é solúvel em água. A substância foi descoberta em 1932 pelo cientista e bioquímico húngaro Albert Szent-Gyöygyi. Ela não pode ser sintetizada pelos seres humanos, sendo assim, a única maneira de obtê-la é pela alimentação. Após ser ingerida, a vitamina C participa de diversas ações bioquímicas vitais para o organismo. Ela melhora o sistema imunológico, a pele, o humor e evita problemas oftalmológicos e derrames. O nutriente também conta com forte ação antioxidante, combatendo os radicais livres. Este nutriente pode ser obtido especialmente em algumas frutas, como a laranja, goji berry, acerola, kiwi e goiaba, e verduras, como a couve e o brócolis. Benefícios comprovados da vitamina C Melhora a imunidade: A vitamina C aumenta a produção de glóbulos brancos, células que fazem parte do sistema imunológico e que tem a função de combater microorganismo e estruturas estranhas ao corpo. O nutriente também aumenta os níveis de anticorpos no organismo. Assim, o nutriente ajuda a fortalecer o sistema imunológico, deixando nosso corpo menos suscetível a doenças. Um estudo publicado no Annals of Nutrition & Metabolism observou que a vitamina C de fato melhora o sistema imunológico. Outras pesquisas também observaram os mesmos resultados. Evita o envelhecimento da pele: A vitamina C evita o envelhecimento da pele por ser essencial para a produção natural de colágeno pelo organismo. O colágeno é uma proteína que proporciona sustentação e firmeza para a pele. Além disso, a vitamina C tem ação antioxidante, ou seja, neutraliza os radicais livres, protegendo a pele contra a degradação de colágeno. Uma pesquisa publicada no Archives of Otolaryngology - Head com 19 voluntários observou que o uso tópico de vitamina C diminui os danos na pele causados pelo sol. Proporciona resistência aos ossos: Isto ocorre porque a vitamina C é necessária para a produção de colágeno. Esta proteína além de ser benéfica para a pele, também proporciona resistência aos ossos, dentes, tendões e paredes dos vasos sanguíneos. Melhora a absorção de ferro: A vitamina C aumenta a biodisponibilidade de ferro não-heme, aquele de origem vegetal, no organismo. O ferro é importante para prevenir a anemia ferroriva que causa um estado de desânimo, lentidão de raciocínio, falta de foco e sonolência acentuada. Em crianças a ausência do nutriente pode causar o retardo do desenvolvimento cognitivo. Evita problemas de visão: A vitamina C contribui para prevenir problemas de visão em decorrência do envelhecimento. Isto porque o nutriente é um dos fatores para a prevenção da degeneração da mácula, parte da retina responsável pela percepção de detalhes. Outros nutrientes que evitam o problema são betacarotenos, vitamina E, zinco e cobre.

Entenda os principais cuidados que essas pessoas precisam ter, desvende mitos e confira dicas de nutrição

D

entro dos quatro cantos do mundo ouve-se comentários diversos sobre os cuidados da alimentação no paciente com câncer. Apesar das controvérsias, estes cuidados devem existir e já são um fato consumado. Sabe-se, por exemplo, que determinados tipos de câncer levam a alterações metabólicas que aumentam muito o gasto energético do organismo, levando o paciente à perda de peso progressiva e deixando o seu equilíbrio nutricional ainda mais vulnerável. Por isso é sempre importante um cálculo correto do total calórico a ser ingerido no dia a dia do paciente oncológico, a fim de compensar este gasto calórico extra causado pela doença e evitando assim uma desnutrição acelerada. É sempre interessante utilizar alimentos com alta densidade energética, ou seja, aqueles com alto valor calórico e nutricional mesmo em pequenos volumes, como azeite extravirgem, oleaginosas e suplementos alimentares específicos. Outra questão a ser avaliada são os efeitos colaterais secundários às frequentes sessões de quimioterapia ou radioterapia às quais os pacientes oncológicos são submetidos. Alguns efeitos frequentes são: enjoos, vômitos, perda do apetite e dificuldade para mastigar e engolir os alimentos, principalmente após radioterapias em regiões que afetam boca e esôfago. Muitas vezes a maneira como o alimento é preparado deverá ser modificada para facilitar a mastigação e a deglutição,

como preparações mais pastosas, temperatura adequada e evitar condimentos irritantes da mucosa do esofágica e gástrica. É prudente evitar os alimentos industrializados como enlatados e embutidos e as frutas, verduras e legumes contaminados por agrotóxicos, preferindo as versões orgânicas. Isto porque eles possuem produtos químicos como agrotóxicos, bisfenol A (usado na indústria dos plásticos), alguns edulcorantes, conservantes, metais tóxicos (arsênico, chumbo, mercúrio, alumínio) e estas substâncias vêm sendo estudadas como potenciais promotores de alguns tipos de câncer. Muitos estudos têm observado que vários compostos chamados de bioativos (polifenóis, flavonóides, carotenóides, glicosinolatos) encontrados em alimentos vegetais como hortaliças, legumes, verduras, frutas, cereais integrais e sementes têm um efeito protetor (diminuidor do risco) contra alguns tipos de câncer.

Mesmo que o indivíduo já tenha desenvolvido o câncer e esteja em tratamento do mesmo é importante encorajar o paciente oncológico a ter uma alimentação mais rica nestes compostos a fim de diminuir o risco de uma recidiva ou aumentar sua sobrevida. Estes compostos bioativos estão presentes nos pigmentos que dão cor aos vegetais, por isso quanto mais cores diferentes (laranja, verde, amarelo, roxo, vermelho) estiverem presente na alimentação diária do paciente, mais benefícios serão alcançados. Invista em saladas bem coloridas pelo menos duas vezes ao dia. Mais uma questão a ser considerada é o aumento do stress oxidativo, trata-se da elevação da produção de substâncias chamadas radicais livres, desencadeado dentro do nosso organismo pelo próprio câncer e também muitas vezes pelos medicamentos quimioterápicos em uso. Para diminuir o impacto da elevação desta excessiva oxidação celular é importante que a alimentação do paciente oncológico seja rica em antioxidantes como: selênio (oleaginosas como castanhas, avelãs, amêndoas), vitamina C ( laranja, limão, acerola, goji berry, goiaba) e vitamina E ( abacate, gérmen de trigo, óleos vegetais como azeite extra virgem). De um modo geral é muito importante a atenção nutricional no paciente oncológico, sendo necessário orientação especializada de nutricionistas e médicos nutrólogos à fim de melhorar o prognóstico, a qualidade de vida e a sobrevida destes pacientes.


Gravataí, quarta-feira , 14 de maio de 2014

AÇÚCAR EM EXCESSO FAVORECE PROBLEMAS NO CORAÇÃO

O sono tem ciclos de quatro fases e cada ciclo demora por volta de 90 minutos. A privação do sono REM (Movimento rápido dos olhos, da sigla em inglês) que é a fase onde prevalecem os sonhos é a mais associada aos problemas de saúde, por exemplo, na apneia do sono.

A

nualmente 344 mil pessoas morrem de doenças cardiovasculares no Brasil, que representam mais de 30% das mortes registradas. Segundo estudos realizados pelo Instituto Dante Pazzanese de Cardiologia, em São Paulo, a frequência do problema coloca o País entre os 10 com maior índice de mortes por essa doença. A má alimentação está entre os principais motivos que potencializam esses números.

Os alimentos processados são outro exemplo que podem proporcionar o aumento desses números. Esses podem favorecer as doenças cardiovasculares por demasia de sódio, que leva à hipertensão arterial sistêmica, por excesso de gordura saturada, interferindo nos níveis de colesterol e também devido à algumas substancias químicas nocivas ao nosso organismo. Os ácidos graxos saturados, presentes nas gorduras saturadas, podem também favorecer a aparição de doenças cardiovasculares. Quando em excesso, o aumento do ruim e a diminuição do bom colesterol pode desenvolver a formação de placas ateromatosas. Apesar de trazer alguns malefícios quando consumida em ex-

DORMIR MAL CONTRIBUI PARA O GANHO DE PESO Sempre ouvimos que o ideal é dormir 7-8 horas por noite, mas devemos considerar que cada pessoa tem um ritmo biológico individual, alguns ficam bem apenas quando dormem em torno de 10 a 12 horas.

Gorduras saturadas e sódio também elevam risco de doenças

O açúcar é um dos alimentos que influenciam esse resultado. Ele está intimamente relacionado à insulina, um hormônio que, quando liberado na corrente sanguínea de forma não fisiológica, ou seja, através de incursões, é um preceptor para o desenvolvimento das doenças no coração. A ingestão de açúcar refinado, portanto, pode desencadear incursões glicêmicas que, por sua vez, favorecem a incursões insulínicas e tem efeitos deletérios para o sistema cardiovascular.

3

SAÚDE & CIA

Cientificamente, o recomendado é que durante o sono ocorra cinco ciclos das quatro fases (de 90 minutos), por isso o melhor é dormir 7-8 horas por noite.

cesso, a gordura saturada também deve fazer parte de nossa dieta, pois o organismo humano, ao longo de seu processo evolutivo, se adequou e se adaptou as necessidades de sua presença. É importante ressaltar que só e somente o excesso do consumo desses alimentos é que pode eventualmente favorecer o desenvolvimento dessas doenças cardiovasculares. Todo ser humano precisa dos três macronutrientes na sua dieta cotidiana, ou seja, carboidratos (55% a 65%), proteínas (12% a 25%) e gorduras (até 30%). Uma dieta equilibrada em proteínas, carboidratos e gorduras, reduz o risco de apresentarmos doenças cardiovasculares e também, praticamente, todas as doenças crônico-degenerativas. Exercícios: duas horas e meia por semana previnem contra doenças cardiovasculares Mesmo pequenas quantidades de atividade física podem reduzir o risco de doença cardíaca, diz um estudo feito por pesquisadores da Escola de Saúde Pública de Harvard (EUA) e publicado no jornal especializado Circulation. De acordo com especialistas, quanto mais exercícios as pessoas fizerem, menores as chances de com-

plicações no sistema cardiovascular. A pesquisa tomou como base mais de três mil estudos anteriores sobre a relação entre exercícios físicos e doença vascular, além de acompanhar um grupo de pessoas que praticava exercícios semanalmente. Os autores do estudo descobriram que praticar 150 minutos - o equivalante a duas horas e meia - de exercícios por semana diminui o risco de doença cardíaca em 14%. Essa porcentagem aumenta de acordo com a quantidade de exercícios praticados. Os pesquisadores, no entanto, alertam que o ideal seria praticar no mínimo 300 minutos (cinco horas) de exercícios semanalmente e, para que essa atividade traga algum efeito, é necessário o acompanhamento de um profissional. Combater o estresse também beneficia o coração Além da prática de exercícios físicos, controlar o nível de estresse é essencial para evitar a doença cardíaca, principalmente para as mulheres. De acordo com uma pesquisa realizada pela Universidade da Dinamarca e publicada no jornal Occupational and Environmental Medicine, a chance dessa doença é 50% mais elevada quando comparada com a de quem considera seu trabalho administrável. Os cientistas chegaram a essa conclusão ao analisar a saúde de 12.116 enfermeiras com idades entre 45 e 64 anos no início do estudo. De acordo com os pesquisadores, medidas simples como um comentário positivo do chefe após um trabalho bem feito, horários de trabalho mais flexíveis e mais dias de folga como recompensa por um bom desempenho poderiam reduzir em 1/3 os problemas cardíacos dos funcionários, assim como alguns problemas mentais.

Noites mal dormidas estimulam as pessoas a comer mais e ganhar peso. É necessário considerar que quanto menos horas dormimos mais tempo temos para comer e beber e, por outro lado, indivíduos que dormem muito pouco tem menor probabilidade de serem fisicamente ativos, o que diminui queima calórica. Outro ponto importante é a restrição de sono levando ao aumento de cortisol e a baixa tolerância à glicose, o que aumenta risco de diabetes. Estudo publicado no Journal of Applied Physiology mostrou que menos de 6,5 horas de sono por noite, pode reduzir a tolerância à glicose em 40%, o que favorece aparecimento da doença. Um novo estudo publicado pela Universidade da Califórnia, BERKELEY sugere que uma das razões seja o impacto que a privação do sono tem sobre o cérebro. O estudo mostra que pessoas que se privam do sono por 1 noite desenvolvem mudanças importantes na forma como seus cérebros respondem a alimentos muito calóricos (junk food). O consumo de batata frita e doces, por exemplo, estimula intensa resposta numa parte do cérebro que ajuda a regular a motivação para comer. Ao mesmo tempo, ocorre importante redução na atividade do córtex frontal, que é uma parte mais evoluída do cérebro nos quais as decisões racionais são tomadas levando em conta as consequências. Essa ação dupla no cérebro "sonolento" leva a uma reação de impulso mais forte ao "junk foods" e menor habilidade para se controlar. Muitos outros estudos já mostraram essa relação entre ganho de peso e noites mal dormidas também tem a ver com alterações hormonais: a privação do sono aumenta a produção de grelina, produzida no estômago, que dá fome, e diminui a produção de Leptina, elaborada nas células de gordura, que diminui a fome. Além disso, ocorre aumento na produção de cortisol, que leva ao acúmulo de gordura principalmente na barriga. Por todos esses motivos podemos concluir que dormir mal engorda sim! Basta uma noite de privação para que essa "bagunça" neurológica, hormonal e metabólica comece.


4

SAÚDE & CIA

Gravataí, quarta-feira , 14 de maio de 2014

QUEIJOS: OS PRÓS E CONTRAS DE TREZE TIPOS Saiba mais sobre os nutrientes da muçarela, prato, minas frescal, cheddar e outros nove queijos

O

s queijos são ricos em diversos nutrientes interessantes para a saúde. Eles são ótimas fontes e cálcio, importante para a manutenção de ossos e dentes, proteínas, necessárias para o desenvolvimento do organismo, e em vitaminas A, importante para a visão, e B12, imprescindível para a função neurológica normal. O alimento é tão interessante que a Associação Brasileira das Indústrias de Queijo (ABIQ) recomenda que os adultos ingiram três porções de lácteos de 50 gramas cada por dia e que crianças consumam três porções de 30 gramas cada diariamente. Contudo, alguns tipos de queijos possuem altas concentrações de gorduras saturadas, cujo excesso pode levar a doença vascular que a longo prazo há o risco de comprometer o coração, os rins e o cérebro, e sódio, que pode causar o aumento da pressão arterial. Por isso, listamos treze tipos de queijos que estão entre os mais populares, apontamos seus benefícios e problemas nutricionais e sugerimos a maneira mais saudável de incluir este alimento na dieta. Saiba mais sobre a muçarela, queijo prato, minas frescal, parmesão, cottage, ricota, cheddar, requeijão, entre outros. Parmesão: rico em cálcio O parmesão é o queijo que possui a maior quantidade de cálcio. 50 g do alimento, valor diário recomendado, conta com 59% da necessidade do nutriente em um dia. "A função principal do cálcio no organismo é a construção e manutenção da estrutura dos ossos e dentes. Seu consumo é fundamental para a saúde óssea", explica a nutricionista Bruna Quintanilha, da fabricante de queijos Tirolez. Além disso, uma pequena quantidade do nutriente atua na contração muscular, inclusive cardíaca e vascular, na transmissão do impulso nervoso e secreção glandular. "Estudos observacionais cada vez mais numerosos passaram a detectar associação entre o baixo consumo de cálcio e o aumento da massa gorda.

Acredita-se que o benefício envolva mecanismo celulares nos adipócitos, além de uma ação intestinal", diz Quintanilha. O parmesão ainda é o queijo que conta com a maior concentração de proteínas, 50 gramas do alimento possuem 35% das necessidades diárias do nutriente. Atenção: Infelizmente, ele também é o que conta com os maiores valores de sódio, 33% da necessidade diária em 50 gramas do queijo. Esta substância em excesso pode levar ao aumento da pressão arterial. Além disso, a mesma quantidade possui 37% da quantidade máxima de gorduras saturadas recomendadas por dia. Combine com: A Associação Brasileira das Indústrias de Queijo (ABIQ) recomenda que os adultos ingiram três porções de lácteos de 50 gramas cada por dia. Por isso, se quiser comer uma fatia de parmesão, é recomendado que também ingira uma porção de ricota no mesmo dia, pois ela possui pouco sódio e gorduras saturadas. Suíço: rico em proteínas O queijo suíço é muito interessante para a saúde. O alimento é rico em cálcio, 50 gramas, valor recomendado por dia, possuem 39% das necessidades diárias do nutriente, e em proteínas, conta com 26% das necessidades diárias. As proteínas dos queijos possuem alto valor biológico e digestibilidade. "Em outras palavras, a proteína do queijo é absorvida quase integralmente na altura do intestino e fornece ao organismo os aminoácidos necessário para o seu desenvolvimento", explica a nutricionista Flora Lys Spolidoro, consultora da Associação Brasileira das Indústrias de Queijo (ABIQ). O queijo suíço ainda é o que possui maior quantidade de vitamina B12. Este alimento ainda é o queijo que conta com a menor quantidade de sódio. Atenção: Apesar de tantos benefícios, o queijo suíço possui muitas gorduras saturadas, 50 gramas do alimento contam com 40% das necessidades diárias da substância. Combine com: Ao longo do dia é interessante consumir uma porção de suíço e também uma do cottage, queijo com a menor quantidade de gorduras saturadas.

Queijo de cabra: rico em vitamina A O queijo de cabra macio é o tipo que possui a maior quantidade de vitamina A, 50 gramas, o valor recomendado do produto por dia, conta com 24% das necessidades diárias do nutriente. "Ela é fundamental para a visão, uma vez que contribui para que os olhos consigam traduzir o sinal luminoso em sinais neurais. Esta vitamina também é importante para o desenvolvimento embrionário", diz Quintanilha. Atenção: Este queijo possui pouco cálcio, 50 gramas contam com somente 7% das necessidades diárias do nutriente. Além disso, o de cabra possui muitas gorduras saturadas, uma porção de 50 gramas conta com 33% do valor recomendado da substância por dia. Combine com: Como a orientação da ABIQ é consumir três porções de lácteos, é possível comer uma fatia de queijo de cabra, uma de parmesão, que é rico em cálcio, e outra de cottage, que conta com menos gorduras saturadas. Muçarela: rico em vitamina B12 Um dos motivos que tornam a muçarela uma boa opção é que ela possui alta concentração de vitamina B12. "O nutriente é importante porque participa como coenzima no metabolismo de ácidos graxos e aminoácidos e também é imprescindível para a formação do sangue e a função neurológica normal", observa Quintanilha. Além disso, 50 gramas do alimento contam com 25% das necessidades diárias de cálcio e 22% da quantidade recomendada por dia de proteínas. Você gosta de consumir este queijo derretido? Então, pode ingeri-lo sem medo. "Não há diferenças nutricionais entre o consumo de queijo in natura ou derretido. Atenção apenas para aqueles com acréscimo de probióticos que não devem ser aquecidos, pois isso ocasiona morte aos micro-organismos adicionados", explica Quintanilha. Atenção: A muçarela conta com bastante sódio, 50 gramas possuem 15.6% das necessidades diárias do nutriente. A mesma quantidade também possui 29.6% do valor recomendado de gorduras saturadas por dia. Combine com: Pode ser interessante ingerir ao longo do dia uma fatia de muçarela, uma de queijo suíço, que conta com pou-

co sódio, e outra de ricota, que possui pouca gordura saturada. Cottage: o queijo aliado da dieta O queijo cottage é o que conta com menores quantidades de calorias e gorduras. 50 gramas, valor recomendado do alimento por dia, conta com apenas 3.9% das necessidades diárias de gorduras, e 3.8% das quantidades necessárias por dia de saturadas. Por isso, ele é muito recomendado para pessoas que estão de dieta ou desejam manter o peso. Este benefício ocorre porque o alimento é elaborado com menos quantidade de leite. Atenção: Por conter menos quantidade de leite, o cottage é o queijo que possui menos cálcio, somente 4% das necessidades diárias, e proteínas, apenas 11% dos valores recomendados por dia. O cottage ainda conta com 9% das necessidades diárias de sódio. Combine com: Ao longo do dia, além do cottage é interessante consumir também o queijo suíço, que possui boas quantidades de cálcio e proteínas, mas pouco sódio. Ricota: menos gorduras e sódio A ricota também é uma ótima opção para quem está de dieta. Apesar de contar com mais calorias, gorduras totais e saturadas do que o cottage, as quantidades ainda são menores do que as dos outros queijos. Além disso, a ricota possui somente um quarto do sódio presente no cottage. Este queijo é o segundo com a menor quantidade de sódio, contendo somente 2,1% das necessidades diárias da substância em 50 gramas de ricota, valor recomendado por dia. Atenção: A ricota possui poucas quantidades de cálcio quando comparada a outros queijos, 150

gramas contam com apenas 10% das necessidades diárias do nutriente. O alimento também não possui tantas proteínas quanto os outros queijos, 50 gramas de ricota contam com apenas 11% do valor recomendado por dia deste nutriente. Combine com: É interessante ingerir ao longo do dia além da ricota, uma fatia de parmesão, que é rico em proteínas e cálcio. Prato: queijos e a intolerância à lactose O queijo prato conta com boas quantidades de cálcio, 50 gramas do alimento, quantidade recomendada por dia, possui 47% das necessidades diárias do nutriente. A mesma quantidade deste queijo também possui 22% das proteínas recomendadas para o dia. Alguns queijos são boas maneiras de pessoas com intolerância à lactose leve consumirem os nutrientes do leite. "Os queijos maturados não possuem lactose, pois ela foi transformada no processo de maturação. Recomenda-se inicialmente pequenas porções e depois o aumento gradativo. Por exemplo, pode-se começar por um queijo bem maturado, como o parmesão e depois ir introduzindo outros queijos como o reino, o provolone, o gouda e, por fim, o prato", orienta Spolidoro. Atenção: Este queijo possui uma quantidade considerável de sódio, cerca de 50 gramas contam com 14,5% das necessidades diárias da substância, a mesma quantidade do alimento também possui 30% do valor diário recomendado de gorduras saturadas. Combine com: Uma boa opção é ingerir ao longo do dia uma fatia do queijo prato, mas também uma porção da ricota, que possui poucas gorduras saturadas e sódio.


ANO 9 - EDIÇÃO 1982ª - DIÁRIO - QUARTA-FEIRA, 14 DE MAIO DE 2014 - R$ 1,25 Circulação nos municípios