Issuu on Google+

► esporte

Reforma no telhado do Ginásio Aldeião custará 100 mil reais Pág. 6

ANO 9 - EDIÇÃO 1803ª - DIÁRIO - QUINTA-FEIRA, 05 DE SETEMBRO DE 2013 - R$ 1,00 Circulação nos municípios de Gravataí, Cachoeirinha, Glorinha e Santo Antônio da Patrulha

► DOAÇÕES

Prefeitura recebe 35 toneladas de alimentos

Pág. 7 ► ESPORTE

Realce e Ponte Preta são finalistas do Futsal Feminino

► saúde

Estado não descarta Gravataí como sede Convocada pelas centrais sindicais paralisação tem entre as adesões a do Sindicato dos Metalúrgicos do edaexige área local,Hospital que planejava impedir aRegional saída de ônibus da garagem Sogil já a partirnova das 22h desta quarta-

► O POVO NAS RUAS

feira. Escolas municipais vão parar. Entre as estaduais, nem todas. Comércio funciona Em nota Secretaria da Saúde afirma quefazer várias impossibilitam a definição do local normalmente. Veja o que se dificuldades os bancos também não abrirem Páginas centrais

Página 5 Páginas centrais

► CULTURA

Pág. 10

Sesc Gravataí tem intensa agenda cultural em setembro Contracapa


Gravataí, 05/09/2013 - Pág. 2 AS GRAVATADAS

Meritíssimo João Baptista Herkenhoff

Q

Carroças até quando? A Constituição Federal garante a todos o direito de ir e vir. No trânsito temos exemplos disso todos os dias. Na Avenida Dorival de Oliveira, a principal artéria da cidade, ontem, por volta das 15h, carroceiro e sua carroça puxada por cavalo tentavam exercer esse direito, apesar do risco, em meio ao tráfego pesado da via. A cidade está crescendo e muitas condutas no trânsito precisam ser disciplinadas, para a segurança de todos. Voltaremos... Prezados leitores, esta coluna também é sua, para falar conosco ligue 3423.1792.

LOTERIA FEDERAL -

Conc.04794

1º 21.351 2º 65.034 3º 06.286 4º 55.396 5º 04.839

PREVISÃO DO TEMPO Quinta-feira Mín. 7° Máx. 23° Dia de sol, com nevoeiro ao amanhecer. As nuvens aumentam no decorrer da tarde.

Registro nº 39987 do Livro A-4 Filiado à ADI Filiado à ADJORI

Representante Comercial: (51) 3272-9595

jornaldegravatai@terra.com.br jornaldegravatai@gmail.com

Publicação da Empresa Gráfica Jornal 2M Ltda. CNPJ nº 03.851.285/0001-62 Tiragem – 8.000 exemplares Diretor geral: Moacir Oliveira Menezes Diretor administrativo: Gabriel Diedrich Departamento comercial: Adilson Mendes Redação: Katterina Zandonai, Karina de Freitas e Claudio Oliveira Editor-chefe e Diagramador: Giulliano Pacheco Colaboradora: Edenir Raupp Avenida Dorival Cândido Luz de Oliveira, nº 6525 - Pda. 63 CEP 94.070-001 - Gravataí - RS - Brasil Telefones: (51) 3423.1792 - 3421.3381 Os textos assinados são de responsabilidade de seus autores.

uando eu era Juiz de Direito em atividade, causava-me certo incômodo o tratamento “meritíssimo”. Meritoso, adjetivo que significa digno de apreço ou de elogios, ainda seria aceitável. Mas meritíssimo, superlativo de meritoso, parecia-me um exagero totalmente sem propósito. Mas se eu advertisse a parte, fosse advogado ou cidadão comum, a respeito da impropriedade do tratamento, certamente não seria entendido. A ressalva, que eu fizesse, seria recebida como censura ou descortesia. Por esta razão, se o advogado, com a melhor das intenções, colocava a frase “meritíssimo, peço a palavra”, eu simplesmente respondia: “tem a palavra,

doutor”. O homem do povo, o trabalhador, o agricultor fica perturbado com o palavrório da Justiça. A palavra deve ser fonte de entendimento. Através do verbo as pessoas se comunicam, agradecem, fazem pedidos, manifestam sentimentos. No caso da Justiça, as expressões difíceis, as sessões secretas, as cancelas e muros, as togas, o aparato, tudo isto dificulta a relação dos cidadãos com as cortes forenses. Daí que os excessos devem ser evitados. Entretanto, numa outra vertente, há um certo encantamento com o mistério das palavras e a solenidade judicial. Relato um episódio a respeito deste ângulo da questão. Numa comarca do interior onde judiquei, havia um homem que amava o vocabulário refinado. Ele era muito

estimado na cidade. Fazia parte do júri. Vibrava de contentamento quando era sorteado para o conselho de sentença. Alguém lhe deu um dicionário de presente e ele se deliciava mergulhando naquele mundo encantado. Certo dia ele foi ao forum e disse ao porteiro dos auditórios que desejava uma audiência com o juiz. Conduzido até a sala onde eu me encontrava e pretendendo me dirigir um grande elogio, disse-me com reverência: “Meritíssimo, eu admiro sua petulância senil.” Certamente o Santiago (que era o nome desta pessoa) ficou maravilhado com a sonoridade do proparoxítono petulância e com a força do oxítono senil. A junção das duas palavras pareceu-lhe maravilhosa. Deve ter consumido muito tempo em esforços, pesquisas e

canseiras para construir aquela frase através da qual pretendia homenagear o meritíssimo. Eu não podia responder apenas com um “muito obrigado”. Iria decepcionálo se me valesse de uma forma tão modesta de agradecimento. Era preciso manifestar minha alegria no mesmo diapasão. Foi o que tentei fazer, dizendo: “Muito obrigado, preclaro amigo Santiago, muito obrigado por sua nobilíssima intenção”. Falando desta forma eu não estava mentindo ou sendo hipócrita. Na verdade, estava agradecendo ao grande Santiago seu desejo de prestar sincero tributo ao juiz que ele tanto estimava. João Baptista Herkenhoff é LivreDocente da Universidade Federal do Espírito Santo e escritor.

Abaporu de Barack - por Helder Caldeira Os recentes episódios que exigiram protagonismo do Palácio do Itamaraty revelam o momento dramático vivido pela diplomacia brasileira. Nos últimos dias, o Barão do Rio Branco deve ter revirado no túmulo treze vezes. Depois do imbróglio provocado pela fuga de um senador boliviano e da rocambolesca importação de médicos cubanos com evasão de divisas para a ditadura castrista, a política externa do jabuticabal trombou com um evento de grande envergadura: a denúncia de que os Estados Unidos da América espionaram até o “Nego” — labrador mascote da “presidenta”, presente do “chefe da quadrilha” José Dirceu —, quiçá a violação das comunicações de Dilma Rousseff e seu staff. Em seu primeiro grande momento à frente do Ministério das Relações Exteriores, o recém-nomeado chanceler Luiz Alberto Figueiredo agiu com a firmeza que lhe permitia a estreita margem de manobra das relações entre Brasil e EUA. Convocou o embaixador Thomas Shannon e exigiu do governo norte-americano premente explicação oficial — por escrito! — a respeito da interceptação de e-mails, telefonemas e mensagens de celular da Presidência da República. O que o democrata Barack Obama dirá — se o fizer — pouco importa. Umbigo do mundo, os Estados Unidos nunca se importaram com direitos de soberania. Sistematicamente, ao arrepio de tratados e convenções internacionais, estupram

esse instituto em nome de seus interesses. Fique claro, não há qualquer vestígio de antiamericanismo, “vermelho” e pedestre, em tal assertiva. A maior potência planetária criou-se sob tal signo e ponto final. Portanto, qualquer coisa que o presidente dos EUA diga sobre o caso será mera tergiversação pseudodiplomática. Esses recentes episódios deploráveis lançam luz sobre algo digno de inquietação maior: a diretriz da política internacional brasileira. Na última década, o governo petista fez questão de esvaziar o papel do Itamaraty, permitindo chanceleres no palanque e filiados a siglas partidárias, além de seguir ouvindo um assessor especial — que mais parece um filhote do chavismo — em total desprestígio aos ministros da pasta. Não por acaso, o governo brasileiro passou a confundir o interesse pela integração regional da América do Sul com uma “companheira” subserviência aos abusos e desregramentos de alguns vizinhos esquizofrênicos. Sem qualquer contato com a realidade, quando o então presidente Lula da Silva precisava de uma manchete populista, tratava de bradar aos quatro ventos seus telefonemas para o “colega” norte-americano George W. Bush com toda sorte de diatribes. Do sucessor ouviu um sonoro e visível deboche: “Esse é o cara!”, disse Obama a Lula durante uma reunião do G20. Sob administração de Dilma Rousseff, a esculhambação deu lugar à indolência. Isso sem falar

o vexame da “presidenta” querendo dar aulas de economia e “governance” à Europa em crise, mas que não consegue sanear as contas de seus domínios ou conter os ímpetos irresponsáveis de aliados e da turma de desqualificados que gravita nas cercanias palacianas. Paradoxalmente, o grande momento — se é que podemos chamar assim — da diplomacia brasileira na gestão dilmista foi a visita do presidente Barack Obama ao Brasil, em 2011. Muito rapapé, muito rococó, muito teatro e resultados efetivos próximos à nulidade. Não avançamos um único milímetro nas relações bilaterais entre os dois “gigantes” das Américas. Considerando a desvelada — e deslavada — violação de soberania, é possível afirmar que, na verdade, recuamos. No entanto, a visita iníqua rendeu boas fotos de apertos de mão entre os chefes de Estado, amplamente servidas à bandeja da propaganda política do PT. Foi com esse viés politiqueiro e de olho na campanha de reeleição que a diplomacia petista fermentou o próximo encontro oficial entre Dilma e Obama, em Washington, no próximo mês de outubro. Farsescas, as autoridades brasileiras estão a afirmar que o evento está em xeque. Balela! Foi a própria “presidenta” — sob tutela de seu quase invisível 40º ministro, responsável pelo marketing eleitoral da gestão — quem cavou a ida à Casa Branca e exigiu sua classificação como “Visita de Estado”, com todo rapapé,

rococó e teatrinho inseridos no protocolo. Por pura ironia, uma das fotos mais emblemáticas da passagem do presidente norte-americano pelo Brasil foi exatamente o momento de artística descontração e sorrisos fakes diante do “Abaporu”, obra-prima de Tarsila do Amaral, à época em exposição no Palácio do Planalto. Como Obama e Michelle não têm algo do gênero para exibir, Dilma sairá bastante contente com fotografias da reunião no Salão Oval. Elas serão utilizadas pela “diplomacia” do PT para gerar manchetes de prestígio e, quem sabe, até narrativas ficcionais sobre algum safanão contra a espionagem. Foto semelhante foi exibida em larga escala durante a vitoriosa campanha presidencial de 2010. Nossas relações exteriores estão reduzidas a essas ideias mirabolantes geridas na antessala da Presidência. O “Abaporu de Barack” tem nome e cognome. Há mais de dez anos ocupa uma sala confortável no Palácio do Planalto, contígua ao gabinete presidencial. Na era petista, saíram de lá as principais (des) orientações da política externa brasileira. Apologeticamente, esse senhor atende pelo carinhoso apelido de “Top-Top”. Enquanto essa escabrosidade permanecer, o Brasil seguirá sem destaque real no cenário internacional. Uma cabeça apequenada disposta sobre um corpanzil desgovernado. É urgente que nossa sequestrada diplomacia seja devolvida a quem entende do rabisco: o Palácio do Itamaraty.


Gravataí, 05/09/2013 - Pág. 3

enquete JG Via página do Jornal de Gravataí no Facebook

Tema do dia: José Dirceu planeja lavar roupa e cozinhar na prisão para adiantar progressão de pena. Ex-ministro foi condenado a quase 11 anos de prisão em regime fechado no julgamento do Mensalão. Qual é a sua opinião sobre o caso?

"O trabalho suado enobrece" Agda Teresinha Mombach Coelho

"E alguém acreditou nesta história?" Maria Salete Avila Fogassa

" Acho muito certo! Só tem uma coisa errada aí. Para trabalhar na cadeia tem que fica em uma lista d espera. Será que até lá ele consegue fazer falcatrua passando na frente de outros presos" Karina Maciel De Almeida de Melo

"cara nem foi preso ainda e já sabe o que vai fazer pra diminuir a pena. Isso é um absurdo. Só falta ele levar junto uma faxineira, uma passadeira, uma lavadeira e sei mais lá o que" Carla Oliveira Dos Santos

SAIBA MAIS José Dirceu já fez e refez mentalmente os cálculos de quanto tempo passará trancado caso o Supremo Tribunal Federal rejeite os recursos de seus advogados no processo do Mensalão. A matemática do primeiro ministro da Casa Civil do governo Lula, personagem-símbolo do mensalão, condenado a 10 anos e 10 meses de detenção por comandar o esquema, é a seguinte: ele tem direito a pedir progressão de regime para o semiaberto — em que é obrigado a apenas dormir na cadeia — após um sexto da pena, mas quer cozinhar e lavar roupa na prisão para adiantar em seis meses esse benefício. Assim, chega ao seu tempo de cárcere: 1 ano e 4 meses. O petista tem dito aos mais próximos que não acredita num novo julgamento pelo Supremo, algo que lhe daria a chance de diminuir sua pena. Diz, segundo relatos, que gostaria de ficar preso nas proximidades de Vinhedo, cidade onde mora, como no Centro de Ressocialização de Limeira, a

151 km da capital paulista. Mas afirma que outra alternativa seria cumprir a pena no presídio de Tremembé, a 147 km de São Paulo, onde diz que a presença de integrantes da facção criminosa PCC (Primeiro Comando da Capital) reduz o risco de rebeliões. Nos últimos dias, Dirceu passou a se preparar para a prisão e a pensar como fará para se comunicar, para escrever e continuar a fazer política. Tem dito que já imaginava um resultado ruim quando o Supremo, seis anos atrás, recebeu a denúncia do Ministério Público Federal e abriu a ação penal contra 40 pessoas — 25 acabaram condenadas. O ex-ministro tem afirmado ainda que desconfia que o tribunal possa decretar as prisões imediatamente, logo após o julgamento dos primeiros embargos de declaração, que devem ser concluídos nesta quarta-feira — normalmente, os ministros do STF mandam prender os condenados após uma segunda leva de recursos.

Essa é uma coluna do povo para criticar elogiar e botar a boca no trombone sobre aquilo que os leitores entenderem por certo ou errado. Entre em contato com a redação, pelo telefone (51) 3421.3381 ou mande seu e-mail para jornaldegravatai@terra.com.br. Junto mande seu nome, telefone e endereço.

Lutando pelo país De acordo com o levantamento, 17 estados não cumprem a lei porque não atendem nem ao valor do piso nem a hora-aula que determina a lei. Desses estados que não cumprem o piso nacional, ainda há aqueles, como o Rio Grande do Sul e Minas Gerais, que utilizam as gratificações para compor o valor do piso salarial, o que é incorreto. O valor do piso é referente ao salário base, não podendo ter gratificações somadas para que se atinja o valor do piso. É falta de vontade política em colocar a questão da educação como uma política essencial para o desenvolvimento do país. Na hora de valorizar os profissionais, há um descaso muito grande. Além disso, falta transparência na atualização dos recursos públicos. A luta dos professores é para que a lei do piso nacional dos professores seja cumprida. As pessoas devem estar atentas e envolvidas para que possamos, a sociedade como um todo, colocar a educação no patamar a que ela tem o direito. Será que agora vai? Embora alguns senadores defendam a aprovação da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) do voto aberto como foi aprovada na noite da última terça-feira, na Câmara dos Deputados, a tendência que predomina nos corredores do Senado, onde a proposta ainda precisa ser apreciada, é alterar o texto. O próprio presidente da Casa, senador Renan Calheiros (PMDB-AL), já se manifestou contra a abrangência da PEC, que permite saber como os parlamentares votaram em todos os casos. Embora digam que vão insistir na aprovação da proposta como ela saiu da Câmara, o raciocínio dos senadores, que integram a ala denominada independente, não deve predominar. Quando for levada a plenário, a PEC vai receber emendas, destacando a manutenção do voto secreto em vetos e indicações, e retornar para apreciação dos deputados. Fim do pedágio Dezenas de moradores devem participar da manifestação marcada para o pr��ximo sábado, dia 7, às 16h contra o pedágio de Gravataí. O grupo planeja partir de frente do Aldeião, em direção à BR 290 (Freeway) e bloquear o trânsito na rodovia. O ato é contra a cobrança da tarifa para automóveis com placas de Gravataí. Aproximadamente 80 mil veículos utilizam, diariamente, a avenida Flores da Cunha de Cachoeirinha para não pagar o pedágio. Se você é a favor desta causa junte-se não fique de fora! Arma química O incidente do dia 21 de agosto na Síria originou imagens que chocaram repercute no mundo inteiro. Dezenas de corpos imóveis em estações improvisadas de atendimento médico. Pessoas tremendo e com os olhos arregalados, com dificuldade de respirar. Os registros das vítimas de um suposto ataque com armas químicas foram colocados na internet por ativistas da oposição síria e reproduzidos em portais de notícias, emissoras de TV e jornais em todo o mundo. O presidente dos EUA, Barack Obama, disse que a credibilidade da comunidade internacional está em jogo com a necessidade de responder ao ataque químico na Síria. Obama busca apoio internacional e dos congressistas dos EUA para uma ação militar contra o regime do presidente sírio, Bashar Assad. O presidente americano afirmou ainda que não foi ele quem estabeleceu uma "linha vermelha" para uma ação contra a Síria no caso do uso de armas químicas, mas sim a comunidade internacional ao condenar o uso desse armamento. Frase do dia:

"Os vencedores sempre fazem mais, muito mais que o suficiente."


Gravataí, 05/09/2013 - Pág. 4

Sessão solene

e-mail:gabriel.diedrich@jornaldegravatai.com.br - Fone: 3421.3381

Curso sem custos Para se qualificar para ajudar na elaboração de soluções para o problema – e drama – vivido com os alagamentos em Gravataí, o vereador Dimas Costa (PT) participou, junto à assessoria, sem custo nenhum para a Câmara, do curso Gestão Integrada de Inundações Urbanas, promovido pelo Governo do Estado entre terça e quarta-feira, no Tribunal de Contas do Estado (TCE). O curso foi ministrado pelo professor doutor Carlos Morelli Tucci, que em 2011 recebeu em Melbourne, na Austrália, o Prêmio Internacional de Hidrologia, concedido anualmente pela International Association for Hydroloy Science, Unesco e Organização Meteorológica Mundial. O Comitê Gravatahy, de Gerenciamento da Bacia Hidrográfica do Rio Gravataí, apoiou a realização do curso.

A Câmara de Vereadores de Gravataí promove hoje (5), a partir das 19h30, sessão solene em homenagem aos 110 anos do Grêmio Foot-Ball Porto Alegrense. A cerimônia que será realizada no plenário da Casa foi proposta pelos vereadores Carlito Nicolait (PT) e Evandro Soares (DEM).

Vereador Beto sugere criação do Cartão do Medicamento

O

tar progressista, o projeto consiste em oferecer mais segurança, agilidade e comodidade para a população que faz uso do Sistema Único de Saúde, no município de Gravataí. — Com o Cartão Municipal do Medicamento, a comunidade poderá ter maior facilidade para a retirada de medicamentos na Farmácia Municipal, possibilitando uma identificação mais ágil dos usuários,

vereador Beto Pereira (PP) apresentou ontem à tarde, em reunião na Secretaria de Saúde de Gravataí, ao titular da pasta, Jones Martins, o seu Projeto Indicativo de Lei que cria o Cartão Municipal do Medicamento. O projeto já foi aprovado pela Câmara de Vereadores, mas depende da implantação da Prefeitura. De acordo com o parlamen-

melhorando o atendimento e facilitando o acesso ao histórico saúde/medicamento de cada usuário — explica o vereador. O secretário Jones Martins agradeceu a visita do vereador Beto Pereira, que visa somar as ações realizadas pelo Executivo Municipal, e afirmou que vem buscando minimizar as dificuldades encontradas pelos usuários do SUS com ideias e ações efetivas.

PRB defende hospital aqui O deputado estadual Carlos Gomes (PRB) e o vereador Tanrac Saldanha (PRB) de Gravataí participaram do ato na Assembleia Legislativa em apoio à implantação do hospital regional no Município. Tanrac fez questão de ir à Assembleia na terça-feira para garantir o apoio da bancada de seu partido. Carlos Gomes defendeu a importância da obra que deverá beneficiar moradores de oito municípios, com previsão de capacidade de 350 leitos na unidade de saúde. — Um estudo técnico já apontou Gravataí como ideal para o empreendimento pela sua localização estratégica, além disso foram realizadas 54 reuniões e ouvidas mais de quatro mil pessoas e líderes municipais da região — destacou Carlos Gomes. Existe um impasse que trava o andamento do processo de implantação da instituição hospitalar, o que também implicaria na mudança do local de instalação previsto.

Fiscalização do trânsito A Prefeitura de Gravataí nomeou 18 novos fiscais de trânsito, aprovados em concurso público realizado em 2011. Os novos funcionários serão empossados em quinze dias, contados a partir da formalização do ato do provimento. Com mais estes 18 agentes, o contingente passa a ser de 30 fiscais que reforçarão a fiscalização e atuarão nos mais diversos pontos da cidade, com o intuito de dar mais segurança, diminuir o número de infrações e acidentes e dar maior fluidez ao trânsito.

Beto Pereira apresentou ao secretário Jones Martins projeto do Cartão do Medicamento para usuários do SUS

Dilamar apresenta projeto “Transparência na Saúde” O vereador Dilamar Soares (PMDB) protocolou, na Câmara de Vereadores, o projeto “Transparência na Saúde”, que obriga os postos de saúde a manterem, em local visível ao público e de fácil acesso, a fixação de informação do nome e especialidade do médico, dias e horários de atendimento dos postos e do médico, inclusive plantões e número de fichas disponíveis por dia, para atendimento, especificando a quantidade de cada especiali-

dade e de cada médico. Segundo Dilamar, o projeto visa uma transparência maior à população, com informações claras e objetivas, fazendo com que as pessoas que estão atendendo, naquele momento, sejam identificadas, além de evitar com que as pessoas fiquem na fila sem necessidade. — As pessoas vão para a fila dos postos às quatro horas da madrugada, e como não possuem a informação da quantidade de fichas a serem

distribuídas, ficam na fila até de manhã e, muitas vezes, não são atendidas por falta de ficha — destacou o parlamentar. O projeto deve entrar hoje na pauta a ser apreciada pelos vereadores. A expectativa é de que, em quinze dias, vá a votação, no plenário da Câmara. — Espero o apoio dos meus pares e, caso aprovado, a sanção do Executivo. É um projeto simples, porém, importante, no sentido de orientar a população — finalizou o vereador.

Recepção socialista Lideranças socialistas de Gravataí prestigiaram a visita à Expointer do presidente nacional do PSB e governador de Pernambuco, Eduardo Campos. Participaram da recepção ao provável candidato à Presidência da República pelo partido o deputado federal Beto Albuquerque, o deputado esta-

dual Miki Breier, o presidente do PSB de Gravataí, Luis Stumpf, e o vereador Paulo Silveira. Paulo Silveira destacou a importância do trabalho de Eduardo e como isso pode agregar para o Município. — Como líder da Bancada Socialista na Câmara de Gra-

vataí, entendo como fundamental aproveitar esta oportunidade para debater soluções a partir da experiência bem sucedida de Pernambuco. A gestão de Eduardo Campos tem se destacado por ser a mais bem avaliada do País, segundo pesquisa realizada pelo CNI/Ibope de 25 de julho de 2013.

Piso dos professores O secretário estadual da Educação afirmou ontem que não há possibilidade de o Estado pagar o piso nacional dos professores seguindo a legislação atual. José Clóvis de Azevedo defendeu que o piso seja corrigido pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC), e não pela variação do Fundeb. — Não há nenhuma possibilidade, o piso tal como está a legislação hoje é irreal, não é factível, nem para o Rio Grande do Sul, nem para municípios nem outros Estados. A legislação prevê índices que são insuportáveis para o setor público. A presidente do CpersSindicato, Rejane de Oliveira, garantiu que a categoria está disposta à negociação. — Nós temos um comando de greve que vai estar na negociação, nós queremos negociar. Agora a intransigência é por parte do governo. O governo não pode entrar numa mesa de negociação dizendo que tem pontos que ele não negocia. Não pode dizer que não negocia a implementação de uma lei. A greve da categoria completou 10 dias nesta quartafeira. De acordo com a Secretaria da Educação, a adesão é inferior a 1% das escolas.

Fim do voto secreto A Câmara dos Deputados aprovou na terça-feira à noite, por unanimidade, a proposta de emenda à Constituição que acaba com voto secreto em qualquer sessão de votação do Congresso Nacional. Foram 452 votos a favor, e nenhum contra. Pelo texto aprovado, elimina-se o voto secreto em todo o tipo de votação: por exemplo, cassação de mandato, votações para avalizar indicações a cargos no governo, presidência das duas Casas, e também análises de vetos presidenciais. A proposta é ainda mais abrangente: determina que o voto aberto seja instituído também em Assembleias Legislativas e Câmaras Municipais. Esta matéria foi votada e aprovada por causa da pressão sofrida pelo Parlamento, diante da decisão da semana passada de livrar o deputado preso Natan Donadon da cassação. A matéria vai ao Senado e precisa ser aprovada em dois turnos pelos senadores.


Gravataí, 05/09/2013 - Pág. 5

Governo do Estado não descarta Gravataí como sede do Hospital Regional e exige nova área Em nota Secretaria da Saúde afirma que várias dificuldades impossibilitam a definição do local um assunto de interesse de toda a região do Vale do Gravataí.”

N

o mês passado o governador Tarso Genro decidiu alterar o Plano Plurianual (PPA), em vários artigos, especialmente no oitavo, que previa o apoio financeiro para a construção e aquisição de equipamentos para o hospital em Gravataí. No texto enviado à Assembleia Legislativa, onde constava o nome do município mudou para “Vale do Gravataí”. No entanto Marco Alba e os prefeitos de Cachoeirinha, Glorinha, Viamão, Santo Antônio da Patrulha e Taquara são favoráveis à permanência do projeto na Aldeia e reacenderam o debate. Afinal o Hospital Regional vem ou não vem para Gravataí? Em nota enviada ontem (4) ao Jornal de Gravataí, a Secretaria Estadual da Saúde afirmou que ainda não há uma definição de onde a unidade hospitalar será construída e que a mudança sugerida no texto não significa o descarte de Gravataí como futura sede do hospital. Conforme o órgão estadual o município terá que

apresentar nova área que atenda às exigências, pois as duas sugeridas uma não atendia aos critérios de acesso e a outra foi descartada por questões ambientais. O prefeito Marco Alba lamentou que a primeira comunicação oficial do Governo do Estado sobre o futuro do Hospital Regional tenha sido feita de forma indireta através do Jornal de Gravataí. “ Tranquiliza-nos e alegra-nos o fato da cidade não ter sido descartada como sede”. Alba reafirmou que durante dois anos, diversos ofícios foram encaminhados ao governador comunicando a decisão e reiterando a oferta de áreas em acordo com o que prevê o projeto técnico. “Até hoje não recebemos uma resposta oficial do Governo do Estado, sequer informando o que decidira sobre a oferta de áreas, muito menos que houvesse qualquer impedimento ambiental. Aproveitamos a oportunidade para pedir que o governador Tarso Genro nos receba para tratar deste importante projeto para

Entenda melhor o projeto na Aldeia O investimento previsto é de R$ 140 milhões, sendo 80% de recursos federais, 15% de recursos estaduais e 5% bancados pelo município. O novo centro de saúde diminuiria a dependência dos pacientes em relação aos serviços prestados na Capital. O governo municipal ofereceu duas áreas, a última delas, inclusive, com a aprovação da Câmara de Vereadores. Trata-se de um terreno localizado a cinco minutos da BR-290(Freeway) e junto à ERS-118 (atrás do Hotel Radar), de acordo com o que prevê o projeto, facilitando o acesso a todos os sete municípios da região. Polêmica sem fim A cidade de Alvorada também está na briga pelo Hospital Regional. A expectativa do governo é garantir a obra no município, às margens da RS-118. Ontem(3) a redação entrou em contato com a assessoria de imprensa da Prefeitura de Alvorada para saber qual a posição da cidade sobre o assunto. O diretor de Comunicação, Charles Scholl, explicou que a administração municipal não irá manifestar-se sobre o assunto. “O prefeito decretou situação de emergência devido aos prejuízos causados pela chuva nos últimos dias e não entrará nessa polêmica levantada por Marco Alba”, explicou Scholl.

POSIÇÃO DO GOVERNO DO ESTADO DO RS A Secretaria Estadual da Saúde (SES) informa que, em relação ao Hospital Regional do Vale do Gravataí (HRVG), ainda não há uma definição de onde ele será localizado. Inicialmente, o projeto havia sido pensado para o município de Gravataí. Contudo, várias dificuldades impossibilitaram a definição do terreno até o momento. Uma das áreas já apresentadas pela prefeitura não atendia os critérios de acesso. Outra área foi descartada por questões ambientais. Essa possibilidade de buscar áreas em outro município levou o Governo do Estado a propor uma alteração em seu Plano Plurianual, documento que traz as metas de gestão para o período de 2012 a 2015. Essa e outras revisões ao texto foram encaminhadas para apreciação do Legislativo no último mês, através do Projeto de Lei 205/13. Porém, essa mudança sugerida no texto não significa o descarte de Gravataí como futura sede do hospital, caso o município venha a apresentar nova área que atenda às exigências. O grupo técnico responsável pelo projeto está em avaliação das áreas apresentadas pelos municípios. A SES reforça que a revisão do Plano Plurianual não acarreta em mudança no perfil do hospital, que terá foco no atendimento de traumas, visando reduzir nesta especialidade a demanda para a Capital de pacientes oriundos dos municípios participantes do projeto (Alvorada, Cachoeirinha, Glorinha, Gravataí, Viamão, Taquara e Santo Antônio da Patrulha). Entre os critérios indispensáveis para a área a receber o hospital está a maior proximidade possível com as rodovias que cortam a região (BR-290, RS-118, RS-020, RS-030 e RS-040, em razão do critério de acessibilidade ao conjunto de municípios da região), área mínima de 6 hectares, presença de pavimentação nas vias de acesso, situação existente ou possibilidade de transporte público de acesso à área.

Hospital Regional - Tem que ser aqui!

O Jornal de Gravataí lançou nesta semana uma campanha de mobilização em prol do Hospital Público Regional do Vale do Gravataí no município. A iniciativa tem como objetivo mobilizar a comunidade para trazer a unidade hospitalar pública para a cidade. Um selo passou a estampar todas as capas do jornal e diariamente a redação produz notícias sobre o assunto. Prefeito lamenta decisão do governador Tarso Genro


Gravataí, 05/09/2013 - Pág. 6

O telhado do Aldeião precisa de reformas O investimento prevê custo de R$ 100 mil reais Por Karina de Freitas

O

Ginásio de Esportes, Adriano Ortiz Corrêa, o Aldeião, está com goteiras no telhado, que com a água da chuva, cai pelos buracos dos exaustores eólicos. Sendo assim, uma nova reforma precisa ser realizada no local. O investimento prevê custo de R$ 100 mil reais. A estimativa do valor para a reforma já está reservada do orçamento anual para a secretaria. O Secretário Municipal de Esporte e Lazer, Luciano Oliveira, salienta que existe a necessidade de retirada dos exaustores e colocação de telhas. Os exaustores precisam de manutenção constantemente. A última foi realizada no ano passado. Alguns estão sem funcionar. Goteiras no telhado também prejudicam e auxiliam na entrada de água na quadra. Jogos foram adiados. Segundo o secretário, a informação da mudança dos jogos foi realizada previamente. Após a retirada de equipamentos, um produto específico para cobertura do telhado foi aplicado Trata-se de um isolamento de umidade. O revestimento atual do ginásio aumenta a temperatura. "As telhas de zinco aumentam o calor dentro do Ginásio. A solução que encontramos foi colocar os exaustores, mas agora eles estão trazendo problemas com as chuvas. Estamos pensando em outra solução para resolver isso", destacou o diretor técnico,

FOTOS KARINA DE FREITAS/JG

Celso Oliveira. O piso inicialmente não será mexido. A reforma será realizada no telhado. A meta é que até o final do ano esteja licitada a reforma do telhado. "Maior preocupação é com a integridade física dos atletas, que utilizam o ginásio nos treinos e competições", ressaltou o secretário. Reforma Em 2012, o Ginásio recebeu obra de reformulação, realizada em parceria com o M. Grupo, empresa responsável pela construção do Shopping Gravataí. Após a reforma, as melhorias incluíram a recuperação e aumento do piso, pintura externa e interna do ginásio, troca de redes da quadra, telhado reformado e luminárias internas e externas. "O aldeião é um ginásio público, e apesar dos mais de 30 anos está em boas condições, mas algumas coisas precisam ser mudadas. Temos o placar eletrônico, os vestiários foram reformados", comentou o diretor. A quadra foi ampliada e está com marcações oficiais. A iluminação da parte externa colabora para a segurança do local, que recebe eventos a noite. "O Ginásio é uma estrutura ultrapassada para sediar grandes eventos. O Aldeião precisa de novos investimentos, como o piso sintético", ressaltou o secretário. Jogos escolares As competições dos Jogos Escolares Municipais 2013, que iniciam no pró-

Secretário Luciano e Diretor Celso observam o telhado do Ginásio

ximo dia 17, continuaram sendo realizadas no Ginásio e em outros locais. Foram 35 escolas inscritas, no total de sete mil alunos. Os jogos de modalidades coletivas, como basquetebol, voleibol, futsal, handebol serão disputados nas categorias mirim, infantil e juvenil. A categoria individual serão disputadas no xadrez, pingue-pongue, jogos-dedama e atletismo. Atividades alternativas também fazem parte do cronograma dos jogos. A cerimônia de abertura das competições será realizada no Ginásio Aldeião, às 9h. Segundo o secretário, os jogos também serão sediados no Paladino Tênis Clube, no Ginásio de Esportes da

Ulbra Gravataí, e ainda será estudado a utilização das pistas de atletismo da Ulbra, em Canoas, ou Unisinos. A primeira modalidade disputada será o futsal infantil masculino/competitivo, no Paladino Tênis Clube. Nesta categoria, serão 20 escolas participando, divididas em cinco chaves de quatro equipes cada. No Ginásio Aldeião, ocorrerá as competições de futsal infantil masculino e feminino/participativo. Nessa categoria, oito escolas no feminino e nove no masculino. Os primeiros jogos estão previsto para aconteceram às 10h, após a cerimônia. As demais competições serão agendadas posteriormente.

Primeiro trecho da nova pista da ERS-118 é liberado para tráfego O secretário de Infraestrutura e Logística, Caleb de Oliveira, acompanhado do diretor geral do Daer, Carlos Eduardo Vieira, fizeram uma visita técnica à ERS118, nesta quarta-feira (4). Os primeiros quilômetros de pista nova foram liberados para tráfego, a partir das 12h. O trecho entre os quilômetros 6,5 e 8,5 - está localizado entre o Arroio Sapucaia e a empresa Bettanin, em Sapucaia do Sul. As obras de restauração da pista antiga têm início neste mês. O titular da Secretaria de Infraestrutura e

Logística (Seinfra) reforçou o compromisso do Governo do Estado com a duplicação da rodovia, que já conta com 60% da obra física concluída (pista nova). "Neste momento, é importante destacar o início imediato da restauração da pista antiga. Esta é, sem dúvida, uma obra prioritária da gestão Tarso e estamos absolutamente empenhados em superar os desafios e concluirmos esta obra até 2014.", destacou Caleb. Quando o atual Governo assumiu, em 2011, a ERS-118 tinha 1,5 km de placa de concreto pronta, "e hoje, no entanto, são

mais de 10 quilômetros", lembrou o diretor de Logística e Integração da secretaria, Geraldo Henriques Filho. "A expectativa é de que outros trechos, que representam mais da metade da obra, sejam liberados até março de 2014", disse ele. Motoristas que trafegam no sentido Viamão - Sapucaia do Sul já podem trafegar na pista nova. No sentido oposto, porém, o trânsito será desviado para a pista lateral direita. As empresas Sultepa e STE vão avaliar quanto terá que ser quebrado das placas de concreto.

Obras nos três lotes Dos 22,2 quilômetros de rodovia a serem duplicados na ERS-118, entre Sapucaia do Sul e Gravataí, os trechos que compreendem os três lotes estão em obras. No lote I, que tem como responsável a empresa Triunfo, as obras acontecem entre o km 11 e o km 22 da estrada. Já o lote II, que está mais adiantado, tem como responsável a Sultepa, que realiza obras entre o km 05 e 11. No lote III, do km 0 ao km 5, em Sapucaia do Sul e Esteio, a Conterra iniciou os trabalhos em janeiro deste ano.


Gravataí, 05/09/2013 - Pág. 7

Prefeitura recebe 35 toneladas de alimentos do governo federal Secretaria Municipal da Família, Cidadania e Assistência Social (SMFCAS) prepara cestas para serem entregues a famílias flageladas

A

lém da expressiva colaboração da comunidade, que vem fazendo doações de agasalhos e alimentos para as famílias atingidas pela enchente, Gravataí passou a contar com a parceria da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), que atende à solicitação da Defesa Civil e beneficia famílias cadastradas na Secretaria Municipal da Família, Cidadania e Assistência Social (SMFCAS). O mutirão de ajuda à população atingida pela enchente prosseguiu na manhã desta terça-feira (3), quando uma equipe da Prefeitura passou a organizar mais uma remessa de cestas de alimentos repassados ao município. Famílias dos bairros Vila Rica e Caça e Pesca, ainda desalojadas em virtude do transbordamento do rio Gravataí, estão entre as prioridades de atendimento. Na segunda-feira (2), foram distribuídas 214 cestas. Nesta terça-feira, outras 300 poderão ser disponibilizadas. Das 35 toneladas de alimentos previstas, até a tarde desta segunda-feira (2), mais de 22 toneladas já haviam sido recebidas pelo município. O trabalho de organização das cestas está sendo feito através de outra parceria, com o Banco de Alimentos de Gravataí, uma Organização da Sociedade Civil de Interesse Público que cedeu es-

paço de sua sede na Avenida Centenário, na entrada da cidade. O local serve para armazenagem dos fardos de alimentos e montagem das sacolas. O rotariano Romeu Paulo Pessato preside o Conselho de Administração e diz que a instituição não poderia deixar de colaborar nessa hora de infortúnio de parte da comunidade. Parceiro no combate à fome, o Banco também tem entre suas atividades a distribuição de gêneros alimentícios a 11 creches estabelecidas no município. DISTRIBUIÇÃO – As sacolas organizadas sob supervisão de Marcelo Mastella, coordenador do Banco Municipal de Alimentos, contém 10 quilos de arroz, três quilos de feijão, cinco quilos de farinha de trigo, dois quilos de açúcar, duas latas de óleo, um litro de suco e uma lata de compota de doces, entre outros gêneros. Números da Defesa Civil apontam que 2.340 pessoas, de 430 casas da Vila Rica, estão entre as prioridades de atendimento nessa campanha que inclui a distribuição de agasalhos e outros donativos de primeira necessidade. Conforme o secretário de Assistência Social, Marcelo Soares, o município ainda está arrecadando material de limpeza, de higiene pessoal, colchões, roupas de cama, calçados, além de alimentos,

FOTOS DIVULGAÇÃO/PMG

lembrando que toda a doação será muito bem recebida e destinada a quem realmente necessita nessa hora. As doações podem ser entregues na SMFCAS, que fica na Rua Ismael Alves, 220, no Centro. No caso de volumes muito grandes devem ligar para 3432-3120 e solicitar carro para transportar. ÁREAS ALAGADAS - Embora o volume de chuva tenha reduzido no início desta semana, a Defesa Civil ainda está atenta e monitora a situação de bairros

ribeirinhos ao Rio Gravataí. Mato Alto, Caça e Pesca, Passo das Canoas e Vila Rica, na zona sul, seguem alagados em virtude das águas que descem das regiões de banhados, principalmente de Santo Antônio da Patrulha. Conforme o sargento Frademir Lemos, coordenador da Defesa Civil, o rio passou a baixar numa média de oito centímetros/dia, atingindo 6,42 metros na manhã desta terça-feira. Já nos bairros da zona leste a situação está se normalizando, com as famílias de volta às suas casas.

Município busca parceria do governo do Estado para atendimento de crianças vítimas de abuso Um encontro entre o secretário de Saúde de Gravataí, Jones Martins, conselheiros tutelares, e o secretário estadual da Justiça e dos Direitos Humanos, Fabiano Pereira, acompanhado da adjunta, Maria Celeste, marcou a entrega de um documento propondo a construção de uma estrutura para o atendimento de crianças vítimas de abuso sexual no município. A medida agilizaria a realização de perícia médica e atendimentos destas crianças. A agenda ocorreu na terça-feira (3), na sede da Secretaria da Justiça e Direitos Humanos (SJDH), em Porto Alegre. Segundo o secretário Fabiano, é preciso agrupar os órgãos envolvidos para agilizar o processo. “Temos que aproximar a Polícia Civil, por meio da Delegacia da Criança e do Adolescente (Deca) e o Instituto Geral de Perícias (IGP) para levar a questão adiante”, frisou.

Atualmente, as crianças vítimas de abuso em Gravataí são levadas para o Centro de Referência de Atendimento Infantojuvenil (CRAI), localizado junto ao Hospital Presidente Vargas, na Capital. Segundo os representantes de Gravataí na reunião, a pauta vem sendo debatida no município devido à demanda de casos existente. Para o titular da Saúde em Gravataí, é preciso que o governo do Estado seja parceiro na causa. “O Estado deve estar ao lado do município para a concretização desta estrutura de atendimento”, destacou Jones Martins. A diretora de assistência social da Secretaria Municipal de Família, Cidadania e Assistência Social (SMFCAS), Joice Michels, integrantes do Conselho Tutelar, de Saúde e da Criança e Adolescente do Município também acompanharam a agenda.

ESCLARECIMENTO O Projeto Foco e a Loja Massaroca não tem nenhum conhecimento, relacionamento ou tratativa da realização de cursos de corte e costura há ser realizado em sua sede. Portanto, não temos nenhuma responsabilidade pela divulgação do referido curso. Medidas legais cabíveis já estão sendo tomadas. Gravataí, 05 de Setembro de 2013. Dr. Venicio Laira - Coordenador Geral do Projeto Foco. Silvana Brambilla Fernandes - Proprietária Massaroca.


Gravataí, 05/09/2013 - Pág. 8

Distribuidores para Gravataí Empresa pioneira no ramo de produtos de Higienização residencial, automotiva e Industrial busca distribuidores para a região de Gravataí, com ganhos de 30 à 50% sobre o valor de venda dos produtos. Interessados entrar em contato com Eloi A Ekobrazil Inteligência Ecológica Tel.9324 5042 (Claro) e 3042.3316


Gravataí, 05/09/2013 - Pág. 9

Força-tarefa de combate aos jogos ilícitos apreende R$ 50 milhões em onze anos Entre 2011 e 2013 os promotores encaminharam quase 20 mil processos judiciais Foto: Divulgação/JG

A

Força-Tarefa de Combate aos jogos ilícitos apreendeu 50.630 máquinas caça-níqueis em operações policiais no Rio Grande do Sul desde dezembro de 2002. O montante equivale a R$ 50 milhões. Foram fechadas 2.567 casas de jogos e 183 bingos. Nestes 11 anos foram destivadas 21 bancas de jogo do bicho.

A força-tarefa foi criada em dezembro de 2002 a partir de meta estipulada pelo Grupo Nacional de Combate a Organizações Criminosas. O órgão está ligado à Subprocurradoria-Geral de Justiça para Assuntos Institucionais. Entre suas metas está o apoio logístico e assessoramento jurídico aos promotores de Justiça em operações de combate aos jogos ilícitos.

Polícia Civil apreende óxi em Novo Hamburgo Policiais civis da 3ª Delegacia de Polícia (DP) de Novo Hamburgo apreenderam, nessa terça-feira (03/09), 150 pedras de óxi, uma droga mais barata e nociva ao organismo do que o crack. Conforme o delegado Alexandre Quintão, é a primeira vez que essa droga é apreendida pelos policiais naquela área de atuação em Novo Hamburgo. A apreensão ocorreu du-

rante uma ação no bairro São Jorge. Também foram apreendidas maconha e crack, duas balanças de precisão, dinheiro, além de munições de diversos calibres. Dois homens foram presos em flagrante por tráfico de drogas e posse de munição. Após os procedimentos de polícia judiciária, os presos foram encaminhados ao sistema prisional.

Preso homem suspeito de exploração sexual Na noite dessa terça-feira (03/09), policiais do Departamento Estadual da Criança e do Adolescente (DECA) prenderam preventivamente C.R.P., 47 anos, investigado por exploração sexual e estupro de vulnerável. A prisão foi efetuada na residência do preso, localizada no bairro Rubem Berta, Território de Paz na zona norte da Capital. Conforme o delegado Leandro Cantarelli Lisardo,

titular da Delegacia de Polícia para a Criança e o Adolescente Vítima (DPCAV), o homem, que possui outros antecedentes policiais, foi indiciado em Inquérito Policial, onde foi apurada denúncia de que o mesmo teria abordado, em via pública, duas meninas, irmãs de 11 e 12 anos. Este fato ocorreu no dia 26 de junho do corrente ano e o investigado teria conduzindoas até seu apartamento, onde praticava o abuso sexual.

No apartamento do investigado, foram apreendidos 14 DVDs de títulos e conteúdos pornográficos, calcinhas, um computador, um celular e três chips. Também foi encontrado material que será periciado e auxiliará na comprovação do envolvimento do preso nos delitos investigados e em outros fatos relacionados a pedofilia. O indivíduo foi encaminhado ao Presídio Central, ficando à disposição da Justiça.

Presos dois homens identificados como autores de roubo Policiais da 1ª Delegacia de Polícia de Sapucaia do Sul, coordenados pelo delegado Daniel Ordahi, cumpriram dois mandados de prisão preventiva e três mandados de busca e apreensão, nesta quarta-feira (04/09). Foram capturados J.S.M., 28 anos, e C.Q.S., 23 anos, ambos com antecedentes por furto e roubo qualificado. Através de imagens, os dois presos foram reconheci-

dos como sendo os autores do roubo a um estabelecimento comercial, ocorrido no dia 25 de julho do ano corrente. Eles utilizaram uma espingarda para render a proprietária e seus filhos e mediante ameaça roubaram bebidas e uma quantia em dinheiro. Deferidas as prisões preventivas, ambos foram capturados e após os procedimentos de praxe, serão encaminhados ao sistema prisional.

Condenado por Homem é preso tráfico de drogas em desmanche de veículo em1ª Gravataí Agentes da Delegacia de Polícia (DP) de Cruz Alta, coordenados pelo delegado João Gabriel Parmeggiani Pes, prenderam na manhã desta quarta-feira (04/09) um homem G.C.F., de 29 anos, naquele município. Os policiais cumpriam mandado de prisão. Segundo o delegado Pes, o indivíduo, conhecido por "Fio", possui condenação em um processo por tráfico de drogas, na cidade de Panambi. Após os trâmites legais, o indivíduo será encaminhado ao sistema penitenciário.

Suspeitos de extorsão são presos Policiais civis da 16ª Delegacia de Polícia de Porto Alegre prenderam, nesta quarta-feira (04/09), dois suspeitos de extorsão na rua Tobago, Bairro Restinga. Os policiais foram procurados pela vítima, proprietária de uma clínica de recuperação de dependentes químicos. Ela teria recebido uma ligação telefônica exigindo uma quantia em dinheiro para de que reaverSuspeita um dos internos, teria sido sequestrado. Após integrar quadrilha uma série de diligências, os de tráfico de policiais prenderam o suposto sequestrador, em que drogasnoé local presa haviam combinado o pagamento do resgate. Segundo o delegado Newton Martins de Souza Filho, titular da 16ª DP, o preso confessou a autoria do crime e informou que o suposto sequestrado era na realidade cúmplice no crime. O interno foi identificado, localizado e preso. Com ele estava o telefone utilizado no crime. No celular, segundo a investigação, estava o registro das ligações feitas para a vítima, dona da clínica de recuperação. Os dois foram encaminhados para a 16ª DP para o registro do flagrante.

Violência doméstica Policiais civis da 3ª Delegacia de Polícia de Alvorada prenderam, na manhã dessa terça-feira, um indivíduo em cumprimento a mandado de prisão preventiva por descumprimento de medida protetiva de urgência. Segundo os policiais, o preso possui histórico de violência doméstica e, em agosto, teria tentado invadir a residência da ex-companheira.


Gravataí, 05/09/2013 - Pág. 10

Rodada cancelada A Prefeitura de Gravataí, através da Secretaria Municipal de Esporte e Lazer (SMEL), em parceria com a Liga Gravataiense de Futebol, informa que as categorias Máster, sub-13 e sub-15, terão sua rodada cancelada neste domingo (8). Os jogos serão transferidos para o próximo domingo (15). O cancelamento deve-se à concentração de esforços para a realização da final da Categoria Especial Amador, que ocorre neste domingo (8), às 15h, no Estádio Vieirão, entre Bagé e Três Estrelas.

Romário detona Conmebol: "Mais corrupta que Fifa e CBF" A reunião liderada por Andrés Sanchez, ex-presidente do Corinthians, para discutir mudanças no futebol sul-americana terminou no início da tarde desta quarta e fez Romário voltar ao ataque. Um dos dez ex-jogadores que participaram do encontro, ele alegou que a Conmebol é a entidade mais corrupta do futebol. — É uma vergonha o que acontece na Conmebol. Eu não imaginava que havia uma entidade mais corrupta que a Fifa e a CBF — atacou o tetracampeão e hoje deputado federal. O encontro que começou nesta manhã, no Parque São Jorge, contou com figuras como Maradona, Chilavert, Careca, Francescoli, Ruggeri, além de 20 representantes de clubes (entre eles, Corinthians, Botafogo, Santos, Peñarol, Caracas, LDU e Libertad) e três representantes de sindicatos de atletas (Brasil, Paraguai e Uruguai). Na reunião, advogados apresentaram números das finanças da Conmebol. Os participantes do evento acreditam que têm em mãos um novo escândalo no futebol. Por isso, o ex-atacante fez um aviso: — Marco Polo (Del Nero, vice da CBF), Julio Grondona (presidente da Federação Argentina) e Eugenio Figueredo (presidente da Conmebol) vão ter de dar adeus para o futebol — acrescentou Romário, antes de emendar: — Esses caras tinham que pegar pelo menos 100 anos de cadeia. Vou fazer de tudo para que não tenha mais um cara destes na CBF — completou. Nenhum dos mandatários da CBF participou do evento — nem o presidente José Maria Marin, nem o vice Marco Polo Del Nero. Andrés Sanchez, exdiretor de seleções, articula nos bastidores sua candidatura à presidência da entidade que administra o futebol brasileiro.

Realce e Ponte Preta são finalistas do Campeonato Municipal de Futsal Feminino Competição é promovida pela Prefeitura de Gravataí, através da Secretaria Municipal de Esporte e Lazer. Final ocorre hoje (5), às 20h

D

ois jogos da semifinal realizada na noite desta terça-feira (3) definiram os finalistas do Campeonato Municipal de Futsal Feminino. A competição é promovida pela Prefeitura Municipal de Gravataí, através da Secretaria Municipal de Esporte e Lazer. Em um jogo equilibrado, o Realce FFG venceu o Estrela Sul por 1 a 0. Na segunda semifinal da noite, a equipe da Ponte Preta, dona da melhor campanha da competição, chegou a estar vencendo o jogo por 3 a 0, mas a equipe da Alta Voltagem, ape-

FOTOS DIVULGAÇÃO/PMG

sar de ter duas atletas expulsas, mostrou um grande poder de reação ao marcar dois gols. No final, vitória para a Ponte Preta por 3 a 2. O terceiro lugar da competição ficou com a equipe da Alta Voltagem. A classificação foi definida pelos critérios de melhor campanha entre os eliminados da semifinal. FINAL – A grande final da competição acontece nesta quinta-feira (5), às 20h, no Ginásio Aldeião, entre Realce FFG e Ponte Preta. A entrada é gratuita.

Mundial de Atletismo Master será o maior evento esportivo dos últimos 50 anos no RS O secretário estadual do Esporte e do Lazer e coordenador geral do Comitê Gestor da Copa 2014 RS, Kalil Sehbe, participou nessa terça-feira (3), do evento de apresentação do XX Campeonato Mundial de Atletismo Master (WMA, sigla em inglês). O encontro, na Associação de Dirigentes de Vendas do Brasil/RS (ADVB/RS), teve a presença de cerca de 100 pessoas entre autoridades, representantes de empresas e imprensa. A competição acontecerá de 16 a 27 de outubro em Porto Alegre e possui 4.158 inscritos de mais 82 países, sendo o maior evento esportivo dos últimos 50 anos no Rio Grande do Sul. "Vamos fazer do Mundial de Atletismo Master um grande evento que ficará para história do Estado, assim como a Universíade em 1963", destacou Kalil. Para a presidente da Fundação de Esporte e Lazer do RS (Fundergs) Renita Dametto, presi-

dente do Conselho Deliberativo do Comitê Organizador Local (COL) WMA, o torneio é um exemplo de integração e parceria público e privada. "É essa união que vai garantir o sucesso desse evento e ficará como referência para a execução de outros megaeventos esportivos no Rio Grande do Sul", garantiu a presidente. Evento teste Sediado na América do Sul pela primeira vez, a competição reúne 27 modalidades, dentre elas: saltos em altura, em distância, triplo e vara, corridas, lançamentos de dardo, discos, martelo, arremesso do peso e provas de pista, além das provas de rua. As provas acontecerão no Centro Estadual de Treinamento Esportivo (Cete), na Escola de Educação Física da Ufrgs (Esef), na Sociedade Ginástica de Porto Alegre (Sogipa), no Parque Esportivo da PUCRS, no Parque Marinha do Brasil e às margens do Rio Guaíba.

"É a primeira vez que todas as provas ocorrem no raio de apenas 10 quilômetros, movimentando toda a cidade", ressaltou o diretor executivo do WMA, Vinícius Garcia. Entre as delegações mais numerosas, estão a do Brasil (com 578 atletas inscritos), seguida pela Argentina (550), Chile (314), Estados Unidos (240) e Colômbia (173). A faixa etária com mais inscritos é entre 50 e 54 anos, com 1.517 atletas. Também Entre 95 e 99 anos, há 32 inscritos. As modalidades mais concorridas são os 100 metros (742 inscritos), 200 metros (686), 8 quilômetros, Cross Country (604), 500 metros (603) e 400 metros (573). Graças a uma parceria públicoprivada, a competição deve atrair para Porto Alegre cerca de 7 mil visitantes, entre atletas e seus acompanhantes, que investirão na economia local em torno de R$ 30 milhões, conforme estimativa do Instituto Brasileiro de Tu-

rismo (Embratur). O evento também irá promover a cidade para o resto do mundo e valorizar os atrativos turísticos de Porto Alegre e do Rio Grande do Sul. Por estes motivos, está sendo considerado o principal teste da cidade para a Copa do Mundo 2014. Legado esportivo Este foi um dos primeiros eventos contemplados pela Lei Estadual de Incentivo ao Esporte, o Pró-Esporte/RS. Serão testadas importantes áreas da infraestrutura de Porto Alegre como hospitalidade, turismo, saúde e segurança pública. O campeonato deixará benefícios para a gestão organizacional e estruturas esportivas. Além disso, com a revitalização de alguns locais de prova para o campeonato, como o Cete e a Esef, Porto Alegre será a única capital do país a ter quatro estádios certificados pela Associação Internacional de Atletismo.


Gravataí, 05/09/2013 - Pág. 11

Resumo de Novelas

Muffins de bacon com queijo Culinária JG

u Ingredientes

PALAVRAS CRUZADAS DIRETAS 1 cebola picada, 2 ½ xícaras farinha de trigo, 1 ½ colheres de sopa fermento, 2 ovos, Flor do caribe www.coquetel.com.br © Revistas COQUETEL 250 ml de leite, ½2013 xícara de manteiga com sal, 300 g de bacon em quadradinhos, AlbertoPostura socorre Ester. Amaralina (?) , heroína do corpo Fruto que O nosso 12d'Arc quadradinhos de queijo mussarela, Cebolinha verde picada a gosto e Saco para paraver a foto Rodrigo conversan"eu" francesa combate não gostaExército, de confeitar dores na Divisão Desconhe(?) Hypólito, Marinha atleta hospitalar cido do com Vivi.e Aeronáutica Lindaura avisa garganta a Cassiau Modo de preparo Fugitivo no que Ester saiu de bugue, demonsDose de Em uma frigideira refogue os bacon e a cebola até dourar. Em um recipiente remédio trando preocupação com a saúde da coloque o leite, a manteiga e o ovo levemente batido e misture. Depois junte a cebofilha. Cassiano liga para o celular de linha verde com a farinha de trigo e a mistura do leite com os ovos e mexa bem, em Ester e Alberto atende sem dizer o seguida acrescente o bacon frito e a cebola e o fermento, mexa mais um pouco até Sílaba de que aconteceu com ela. Lindaura diz "tenente" que a massa fique homogênea. Coloque a massa no saco de confeitar, acomode as Bobo; a Cassiano para chamar a polícia. O ingênuo forminhas sobre assadeira retangular, acrescente um pouco da massa e depois um quadrado de queijo mussarela e coloque mais um pouco da massa por cima, se quiser polvilhe um pouco de orégano por cima dos muffins, depois leve ao forno pré Veste de Sinal aboBastão do Ester está médico revela que formandos lido pelo a Alberto aquecido 180°C por cerca de 35 minutos ou até dourar jogo de Acordo OrMóvel do bilhar grávida. tográfico quarto Nara Gomes Massulo - Nutricionista - naramassulo@terra.com.br Grupo de Um dos Zuleika visita Hélio e afirma canto que membros superiores ainda o ama. Zuleika avisa aAtribuir Bibiana culpa a Chapéu, e Donatoemque Interjeição inglês Hélio pediu que eles o dita ao Bolsa de telefone visitassem.compras O médico avisa a Cassiano que Ester deve ficar em repouso Fazer ficar durante confortável a gestação. Aurora coloca um dispositivo de escuta no telefo- Brincadeira entre ne da casa de Dionísio. Dionísio fica torcidas Rainha de transtornado Aurora e teme Assento ao ver Poderoso (?): amedestinado inseticida açou Alice pelo acerto de contas. a reis (sigla) (Lit. inf.) 4ª vogal Registro feito após a reunião

Divisão urbana

© Revistas COQUETEL 2013

Chefe De vocês espiritual (fem.) de um 50, em romanos Candomblé

Expressão facial de alegria

Envolver com papel

Cheias de dinheiro

3, em algarismos romanos

"(?) Garcia", romance (Lit.) Em + isso Custoso

Um dos criadores da Gol de Letra Brinquedo como o joãoteimoso

Ciência que estuda a natureza

Roedor de capinzais Assinatura (abrev.)

Latim (abrev.)

Tirar (mancha da roupa) Parte do corpo afetado pela cárie

(?) Botafogo, bailarina

Apartamento (bras.) Inclusive Junto; ligado

A

T

E

Emudece

Casa indígena Prazo de (?): inscrição de embalagens Classificar sistematicamente

Etapa inicial da viagem

Gato, em inglês Vogal acentuada em "juízo"

Prata (símbolo)

63

Solução

E

BANCO

Funil

Gêmeos: Sua vida doméstica recebe ótimas vibrações e passa a ser um lugar de paz e harmonia em sua vida. A fase é ótima para pensar em uma reforma, ou mesmo em mudar de residência. No amor, ótimos momentos, mas não espere uma relação muito duradoura. Câncer: Nesta fase você sente uma melhora efetiva em seu mundo mental. A clareza de pensamento que possui agora permitirá a você esclarecer questões que ficaram sem resposta nas últimas semanas. Melhora efetiva do ambiente doméstico. Leão: Lua, Sol e Mercúrio em Virgem movimentam positivamente suas finanças e melhoram significativamente seus investimentos. O momento é ótimo para começar novos projetos, pois seus frutos chegarão rapidamente. Virgem: A Lua entra em seu sigo e caminha em direção ao Sol e Mercúrio, melhorando significativamente as energias em seu entorno. É hora de lançar sementes sobre o solo, que está fértil há muito tempo. Os frutos chegarão rapidamente.

Escorpião: O momento é ótimo para incrementar sua vida social com festas e novas amizades. A fase é ótima para sair e se divertir e quem sabe até encontrar um novo amor no caminho. Vênus livre de pressão em Libra traz reflexão sobre o passado. Sagitário: Lua, Sol e Mercúrio em Libra movimentam sua carreira e abrem portas para novos projetos e metas profissionais. Você pode ser convidado para fazer parte de um novo projeto ou ser convidado para trabalhar em uma nova empresa.

Cartão de desconto Centro estético

Touro: Lua, Sol e Mercúrio em Virgem mexem novamente com seu coração e podem trazer o amor em sua vida. Prepare-se, pois você terá algumas novidades no setor. A fase é de alegrias e bastante prazer. Ótimo momento para estar com os filhos.

Libra: Sol, Lua e Mercúrio em Virgem deixam você mais fechado e introspectivo, como se estivesse preparando-se para novos passos em sua vida. Uma nova fase se avizinha e você se prepara para recebê-la. Escolhas a caminho.

S

F P O T R Ç H A S A T R M A D P A S

P O R A S O L E M A Ã T C A C O C O M O N O D D R E A N G A R I R I

E G I O G N T O O R L A O D O T C T O O PA S

J D O I A E N G A O B A R L A O Ç O A T O A L

Os resumos dos capítulos de todas as novelas são de responsabilidade de cada emissora

Dois tipos de avaliação escolar

P A R I I D C E A S S A N R T E O M O I V D E A R

3/ego — hat. 4/toga. 5/copas — joana. 10/pagar o pato.

AMOR À VIDA Félix indica uma clínica para internar Paloma. Eron e Rafael protestam as alegações do promotor contra Paloma. Ordália não deixa Denizard emprestar dinheiro para Márcia, e ela decide procurar Atílio. O juiz manda Paloma ser internada na clínica sugerida por Félix. Bernarda e Bruno resolvem se unir para tentar ajudar Paloma. Michel e Patrícia tiram Perséfone de casa para usar seu apartamento. Daniel afirma a Renan que Neide e Amadeu impedem a evolução no tratamento de Linda. Félix influencia a diretora da clínica em sua avaliação sobre o estado de Paloma. Ordália tem um mau pressentimento com Paloma, e Bruno se preocupa. Leila obriga Thales a ficar com ela. Amarilys teme por Paloma. Carlito pede Valdirene em casamento. Bernarda consegue o endereço da clínica onde Paloma foi internada, e Ordália avisa a Bruno sobre os procedimentos usados no local. Paloma é levada a uma sala de tratamento.

PALAVRAS CRUZADAS DIRETAS

www.coquetel.com.br

S U L H A I S O P R B A O G I N A E A C U P O N E I I D A L O G

sangue bom Sofrer os por Gianeefeitos e Silvério socorrem Fabinho. algo que Nunca À (?): Sufixo de precedesofra ao sem não fez que Amora Bárbara teme seter "formol" o que fazer "P" e "B" (pop.) casar com Bento. Celinha e Irene convencem Plínio a ir ao casamento de Bento. Damáris invade o casamento Crustáceo Tempero nocivo ao de Wilsonapreciado e tenta acabar com a ce- hipertenso em sopas Solução anterior rimônia. BANCO Cardoso pede para a Crash 62 Mídia arrumar mais campanhas para Solução Brunettý. Giane fica compadecida com o sofrimento de Fabinho. Bárbara faz um escândalo ao saber que Irene vai estrelar o novo filme de Plínio. Renata aborda Érico, e Verônica fica enciumada. Camila faz insinuações sobre Giane para Caio. Giane decide ir ao casamento de Bento. Renata deixa Érico abalado com seus comentários sobre o relacionamento com VerôniJoaquim Lopes em ca. Giane interrompe o casamento de Bento. Sangue Bom

B R A I I S R O R O L A N T A C C A A L T A

Estado da capital Palmas (sigla)

E M I N C A R B I O D E S P R O V C A

Anexo de cozinhas

3/cat — raí. 4/cone — iaiá — preá. 7/remover.

A L A

Áries: Lua, Sol e Mercúrio em Virgem movimentam seu dia a dia, sua rotina de trabalho e sua saúde. A fase é ótima para investir em novos investimentos e cuidar de seu corpo/mente. Saturno se encarrega do autocontrole.

Capricórnio: Seus planos e projetos profissionais, especialmente os que envolvem os projetos de médio e longo prazo, começam a frutificar. As longas viagens e os contatos com pessoas e negócios estrangeiros são altamente beneficiados. Aquário: Sol, Lua e Mercúrio em Virgem movimentam intensamente suas emoções e podem abrir portas interessantes para mudanças em sua vida. O dinheiro chega mais fácil por meio de uma parceria ou sociedade comercial. Peixes: Seus relacionamentos, tanto os pessoais quanto os profissionais, ganham um novo movimento e dão um salto importante na direção da criação de novas estruturas. Sementes são lançadas e um namoro pode começar.


JORNAL DE GRAVATAÍ Quinta-feira, 05 de setembro de 2013

Sesc Gravataí tem intensa agenda cultural em setembro 2º Seminário de Contadores de História integra a programação do mês de setembro na cidade

U

ma intensa programação cultural espera pelos moradores de Gravataí e cidades vizinhas, a partir do dia 10 de setembro. Promovida pelo Arte Sesc – Cultura por toda parte, a agenda de atividades inclui espetáculos teatrais e musicais, literatura, oficinas sistemáticas, além do 2º Seminário de Contadores de Histórias e atrações durante a Semana Farroupilha, que ocorrem nos dias 12 e 13 e de 24 a 28 de setembro, respectivamente. O espetáculo juvenil “Adolescer” abre as atrações do mês, no dia 10, com apresentações às 10h e às 15h, no Teatro do Sesc Gravataí. Inspirado na adolescência, na idade do “Ser ou não ser”, o espetáculo é, indiretamente, uma homenagem aos adolescentes e um alerta aos adultos sobre a prevenção contra o abandono dos jovens. Os ingressos são destinados para escolas e custam R$ 6,00. Nos dias 12 e 13, acontece o 2º Seminário de Contadores de Histórias, que oferece diversas atividades gratuitas, mediante agendamento prévio. Os inscritos poderão participar de oficinas, contação de histórias e bate-papo com autores e contadores. As atividades ocorrem na Biblioteca do Sesc e no Foyer do Teatro do Sesc, bem como o Clube Sarau Literário, Literatura e Poesia. O Happy Hour no Restaurante do Sesc também integra a programação do mês, assim como oficinas sistemáticas de teatro infantil e adulto. Finalizando o mês, entre os dias 24 e 28 de setembro, serão realizadas apresentações musicais e espetáculos teatrais na Semana Farroupilha. A programação conta com a apresentação de Teixeirinha Filho e Neto, Ernesto Fagundes e grupo Mas Bah, o humor de Cris Pereira, com o show “Gaudêncio em Busca de Odete”, e do espetáculo infantil “O Piá Farroupilha”. A festividade encerra dia 28, com “A Noite dos CTGs”, com muita dança tradicionalista e a presença de grupos da cidade, a partir das 20h. Os ingressos podem ser adquiridos com valores entre R$ 5,00 e R$ 15,00. A programação completa pode ser conferida abaixo. Mais informações podem ser obtidas na Unidade Sesc Gravataí (Rua Anápio Gomes, 1241, Centro), ou pelo telefone (51) 3497-6174.

Sobre o Arte Sesc – Cultura por toda parte - Criado em 2007, o programa reúne todas as atividades culturais desenvolvidas pelo Sesc no Rio Grande do Sul, entre teatro, música, artes plásticas, literatura e cinema. Além de promover uma intensa troca de experiências e ampliar o acesso à produção artística, o Arte Sesc busca ser reconhecido como promotor de ações culturais no Estado, sendo elas não só apresentações artísticas, mas também de caráter formativo e educa-

cional, orientadas por três eixos: transversalidade, diversidade e acessibilidade.

PROGRAMAÇÃO Espetáculo “Adolescer”

Data: 10 de setembro Horário: 10h e 15h Local: Teatro do Sesc Gravataí (Anápio Gomes, 1241, Centro) Sinopse: Inspirado na adolescência, na idade do “Ser ou não ser”, o espetáculo é, indiretamente uma homenagem aos adolescentes e um alerta aos adultos sobre a prevenção contra o abandono dos jovens. Uma das características da montagem é a renovação da peça a cada ano. O tom do espetáculo é de alegria, o espectador aos poucos vai sendo levado a mergulhar no clima e vai descobrindo que há mais adolescência nele do que imaginava. É um espetáculo ideal para adultos e adolescentes assistirem juntos Ingressos: Agendamento para escolas R$ 6,00 para alunos (professores que acompanham têm isenção de ingresso)

Clube Sarau Literário

Data: 11 de setembro Horário: 19h Local: Biblioteca do Sesc Gravataí (Rua Anápio Gomes, 1241, Centro) Atividade gratuita

2° Seminário de Contadores de Histórias de Gravataí

Data: 12 e 13 de setembro Local: Foyer do teatro e Biblioteca Sesc Gravataí (Rua Anápio Gomes, 1241, Centro) Atividades gratuitas mediante agendamento prévio pelo telefone (51) 3497-6174, no setor Biblioteca do Sesc Gravataí Data: 12 de setembro Oficina com Danilo Furlan Horário: 8h às 12h Local: Foyer do Teatro do Sesc Oficina com Eric Chartiot Horário: 13h às 17h Local: Teatro do Sesc Contação de histórias com Leila Pereira Horário: 10h30 e 14h30 Local: Foyer do teatro Local: Biblioteca do Sesc Contação de histórias com Lucio Alves Horário: 10h e 15h Local: Biblioteca do Sesc Local: Foyer do Teatro do Sesc Bate-papo com autores e contadores

de histórias – João Luiz do Couto, Vanessa Meriqui, Leila Pereira, Lúcio Alves e Danilo Furlan Horário: 18h Local: Foyer do Teatro do Sesc Data: 13 de setembro Oficina com João Luiz do Couto e Vanessa Meriqui Horário: Das 8h às 12h Local: Teatro do Sesc Oficina com Leila Pereira Horário: Das 13h às 17h Local: Teatro do Sesc Contação de histórias com Leila Pereira Horário: 10h Local: Foyer do Teatro do Sesc Contação de histórias com João Luiz do Couto e Vanessa Meriqui Horário: 15h Local: Biblioteca do Sesc Contação de histórias com Danilo Furlan Horário: 10h Local: Biblioteca Sesc Horário: 15h Local: Foyer do Teatro do Sesc

Bate-papo com autores e contadores de histórias – Antônio Schimeneck, Márcia Funke Dieter, Eric Chartiot, Paulo Bocca e Rosane Castro Horário: 18h Local: Foyer do Teatro do Sesc Happy Hour com Felipe Souel Data: 14 de setembro Horário: Das 11h às 14h Local: Restaurante do Sesc Show gratuito para os clientes do Restaurante (Rua Anápio Gomes, 1241, Centro) Atividades culturais na Semana Farroupilha Data: De 24 a 28 de setembro Local: Sesc Gravataí (Rua Anápio Gomes, 1241, Centro) Ingressos: R$ 5,00 para comerciários e dependentes com Cartão Sesc/Senac, R$ 12,00 para empresários e dependentes com Cartão Sesc/Senac e R$ 15,00 para público em geral Teixerinha Filho e Neto Data: 24 de setembro Horário: 20h30 Ernesto Fagundes Data: 25 de setembro


ANO 9 - EDIÇÃO 1803ª - DIÁRIO - QUINTA-FEIRA, 05 DE SETEMBRO DE 2013 - R$ 1,00