Page 1

Gravataí, 05/06/2013 - Pág. 1

► drama

► MEIO AMBIENTE

Daniela quase foi impedida de participar da própria formatura

Palestra na Câmara vai tratar sobre as barragens do Gravataí Pág. 6

Pág. 7

ANO 9 - EDIÇÃO 1726ª - DIÁRIO - QUARTA - FEIRA, 05 DE JUNHO DE 2013 - R$ 1,00 Circulação nos municípios de Gravataí, Cachoeirinha, Glorinha e Santo Antônio da Patrulha

► EMPRECOS

Vagas e oportunidades

Pág. 5

► CAMPANHA

Honda promove programa “Harmonia no Trânsito” em Gravataí

Contracapa

► SAÚDE & CIA

► vandalismo

Sábado é o “Dia D” de vacinação contra a Poliomielite

Escola da Caveira é incendiada por vândalos Antônio Aires de Almeida teve a biblioteca queimada, e marginais fizeram fogueira no pátio com as cortinas

Encartado

Pág. 6


Gravataí, 05/06/2013 - Pág. 2 AS GRAVATADAS

Opinião/Serviços

Educação para a vida (*) Fabrício Vieira de Moraes

Lixão na rua Morro dos Conventos O leitor Victor Moura enviou a foto acima para registrar que apesar da limpeza periódica da calçada da Escola Estadual Professor Charão, na Rua Morro dos Conventos, na Cohab A, há pessoas que continuam depositando lixo no local, isso há mais de dois anos. Curiosamente, esse lixão fica também ao lado do posto de saúde do bairro. O Victor não entende como até agora ninguém foi punido pelo delito, já que o lixo é jogado no local a qualquer hora do dia. Cadê a fiscalização? Voltaremos... Prezados leitores, esta coluna também é sua, para falar conosco ligue 3423.1792.

LOTERIAS QUINA - Conc. 3210 - 04/06/2013 04 - 21 - 42 - 55 - 68 TIMEMANIA - Conc. 432 - 04/06/2013 11 - 21 - 28 - 31 - 58 - 64 - 70

PREVISÃO DO TEMPO Quarta-feira Mín. 9° Máx. 23° Dia de sol, com nevoeiro ao amanhecer. As nuvens aumentam no decorrer da tarde.

Registro nº 39987 do Livro A-4 Filiado à ADJORI

Representante Comercial: (51) 3272-9595

jornaldegravatai@terra.com.br jornaldegravatai@gmail.com

Publicação da Empresa Gráfica Jornal 2M Ltda. CNPJ nº 03.851.285/0001-62 Tiragem – 8.000 exemplares Diretor geral: Moacir Oliveira Menezes Diretor administrativo: Gabriel Diedrich Departamento comercial: Adilson Mendes Redação: Katterina Zandonai e Claudio Oliveira Diagramação: Giulliano Pacheco Colaboradora: Edenir Raupp Avenida Dorival Cândido Luz de Oliveira, nº 6125 - Pda. 64 CEP 94.060-001 - Gravataí - RS - Brasil Telefones: (51) 3423.1792 - 3421.3381 Os textos assinados são de responsabilidade de seus autores.

Na educação contemporânea, a expressão “educar para a vida” tornou-se muito comum. Em um mundo competitivo, com as economias globais em xeque, essa expressão surge como sinônimo do desenvolvimento de competências para o mundo do trabalho, bem como da preparação de jovens para o enfrentamento dos desafios de cenários marcados pela imprevisibilidade e pela transformação. É verdade. A empregabilidade e a concorrência acirrada nos apontam um novo

desafio da escola, que é preparar gerações para a sociedade da informação. Contudo, se essa é uma leitura possível de uma “educação para a vida”, também é igualmente parcial e incompleta. Formar indivíduos para enfrentar os imperativos do mundo real é muito mais complexo, e temos – como educadores ou como pais – de buscar, cotidianamente, desenvolver todas as condições interdependentes de desenvolvimento pleno da vida. Temos alguns exemplos concretos, tirados das

notícias tristes que nos chegam pelos jornais: incêndios, violência, corrupção, preconceito. Há tanto a mudar, não é? Educar para a vida real, no caso brasileiro, é formar jovens capazes de construir mais rapidamente um país justo, que respeite as leis e abandone traços culturais da informalidade (que frequentemente se transformam em ilegalidade), e uma sociedade mais solidária e consciente da extensão de seus atos e de suas omissões. Mais polícia, mais fiscalização e mais

presídios não tornarão o país melhor. É necessário mais educação, mais jovens conscientes do poder do voto, dos direitos que devem reivindicar e da recusa em conviver com o improviso e com o descaso. Por trás das notícias ruins, há especialmente um país que carece de uma educação cada vez melhor, mais constante, mais democrática, mais completa. Ou seja, tudo isso tem a ver conosco, educadores, em nossas escolas, todos os dias. (*) Fabrício Vieira de Moraes é coordenador pedagógico do Ético Sistema de Ensino (www. sejaetico.com.br), da Editora Saraiva

Crônica: B de bunda Sala de aula. Prova de química. No “fundão”, sentados lado a lado, Mateus e Eduardo iniciam um diálogo no tom mais baixo possível para não chamar a atenção da professora. - Meu... - Hum. - Mateus... - Fala. Tô ouvindo... - Sabe a quatro? - Qual? Não escutei. Fala mais alto. - A questão quatro. Sabe a resposta? - Não fiz essa ainda. - E a doze? - Também, não! - E a treze? - A. - A? - Isso. - Tem certeza? - Acho que sim. Eu marquei essa. - Acha ou tem certeza. - Tenho certeza. - Eu achava que era b. - Marca a que tu quisé. - Vou de A. Vou confiar em ti. - Eu não estudei muito. Já aviso... - Eu não estudei nada! Há! Há! Há! - Psiu! Fica quieto, mané! A professora vai ver... - Vai nada. Essa aí não vê nada. Olha a grossura das lentes dos óculos dela. Parece um fundo de garrafa! Há! Há! Há!

- Há! Há! Há! - Posso saber o que está tão engraçado aí no fundo? - Nada professora! - Nada mesmo, professora! - Fiquem quietos, senão vou tirar a prova de vocês! Dez minutos depois. - Mateus... - Hum. - Sabe a vinte? Falta só essa pra mim. - Qual? Não entendi. - A vinte. Sabes? - Não entendi. Fala mais alto... - A vinte... - Qual? - A vinte, meu! - A vinte é... - O que é isso, Eduardo e Mateus? - O que, professora? - Quié, professora? - Vocês acham que eu sou boba, é? Que eu não ouvi vocês conversando! Tentando colar, hein? Me deem essa prova! - Tá louca, professora? - É... Professora... - O que é então, Mateus? Explica...

- O Eduardo enchendo o saco... Tirando sarro da minha cara dizendo que já estava na questão vinte... Que eu sou burro e não terminei ainda! - E? - E eu o mandei tomar na bbbbuuuunda! - O que é isso, Mateus? - Só estou contando o que aconteceu, ora... - Tu já terminaste a tua prova? - Não! Quase... - E tu, Eduardo? - Já, professora! Toma... E tu, Mateus, estou te esperando lá fora para a gente acertar as contas... Ninguém me manda tomar na bunda e fica assim! Silêncio na sala de aula. Furioso, Eduardo deixa o local reclamando e gesticulando com os braços. Parte da turma fica chocada com a sua reação. O restante dos alunos eufóricos pela possibilidade de briga entre os até então amigos. Com a atitude de Eduardo, a professora até esqueceu que fora tirar a prova dos dois estudantes

que estavam colando. Oito minutos depois do ocorrido, Mateus termina a prova e deixa a sala, reencontrando Eduardo no pátio da escola. Uma “plateia” assiste ansiosamente a cena esperando o desfecho do episódio turbulento iniciado durante a prova. Mateus e Eduardo paramse frente a frente um do outro. São cercados pelos outros alunos. Olham-se seriamente. Breve silêncio e então... - Há! Há! Há! Dá um abraço aqui, Mateus! - Há! Há! Há! Tu entendeu, né? - Há! Há! Há! Claro, Mateus! Captei vossa mensagem amado mestre, quem nem diria aquele personagem da escolinha do professor Raimundo. Era “B” de bunda a resposta da vinte, né? - Era! Garoto esperto é outra coisa, hein? - Há! Há! Há! - E a professora, Eduardo? Nem se ligou! - Pois é... - Também! Com aquele teu teatro... Convencia qualquer um. Já pode virar ator! Há! Há! Há! - Há! Há! Há! Vou pensar no assunto... Rodrigo Ramazzini Cronista


Comunidade

enquete JG Via página do Jornal de Gravataí no Facebook

A Escola Municipal Antônio Aires de Almeida teve a biblioteca queimada. Inclusive, marginais teriam feito fogueira no pátio com as cortinas. Na sua opinião, o que motivaria este tipo de vandalismo? Trabalho na manutenção das escolas municipais. Esta história que menores pode tudo. Onde os pais pensam que é a Escola? E quem educa? Grande erro, pois é na educação dos filhos que se revelam as virtudes dos pais. Fala-se tanto da necessidade de deixar um planeta melhor para os nossos filhos e se esquece da urgência de deixarmos filhos melhores para o nosso planeta. Existem muitos direitos para os menores e poucos deveres. Precisamos urgentemente rever nossas leis. Educar é viajar no mundo do outro, sem nunca penetrar nele. É usar o que passamos para transformar no que somos. São os menores que precisam ser educados, principalmente pelos pais. Altair Machado

Uso de drogas, falta de educação e falta do policiamento ostensivo. A comunidade em si tem que denunciar, pois se houver o empenho da mesma, isso irá acabar. A escola faz parte da nossa vida sempre. Nossa e dos nossos filhos. Daníel Lazaroto

Qualquer crime. Nosso país está entregue nas mãos de bandidos de toda espécie. Enquanto nós cidadãos, que trabalhamos com honestidade para sobreviver, somos reféns desses vermes. Eles sabem da impunidade dessa lei, que só privelegia quem não presta! Rosana Cardoso

Quando eduquei meus filhos, se respeitavam os pais e os professores. Agora os pais não educam mais e ainda recriminam os professores. Aí fazer o quê? Visitá-los na cadeia! É o que resta. Alda De Souza Alves Eu concordo com os depoimentos de todos acima, só acrescento três coisas: A falta de oportunidade; Um país com menos diferenças financeiras; E que os políticos, em vez de roubarem, que olhem para seu próprio umbigo e pensem em legislar a favor dos menos favorecidos. Já pensaram que esse fato pode ser mais ou menos assim? Olhem, eu existo! Airton Machado Pereira

Puro banditimo! Celina Lourenci Fernandes

Falta de aulas. Provavelmente eles estariam na hora do intervalo. Só poderia ser à noite. Não pode ter intervalo. Pra que intervalo? Pra fumar drogas dentro da escola! Alexia Oliveira

Escola e família: como cuidar dessa relação O programa Fantástico, da TV Globo, exibiu a série "Pais Nota 10", que coloca em discussão a participação da família no contexto escolar. O semanal destacou uma questão importante: a relação entre pais e escola, colocando ênfase na participação das famílias e apresentando histórias de comunidades que se engajaram pela melhoria da Educação. É fato que a influência familiar no desempenho dos estudantes é grande.

Há que se refletir, então, sobre o que é função dos pais e responsáveis e o que está nas mãos da escola. Muitas comunidades se organizam espontaneamente e procuram a direção e os professores para oferecer auxílio, mas nem sempre é essa a regra. O ideal é que a mobilização parta da instituição, de maneira estruturada. Cabe a ela estar aberta à comunidade e criar espaços em que a aproximação seja possível.

Gravataí, 05/06/2013 - Pág. 3

Essa é uma coluna do povo para criticar elogiar e botar a boca no trombone sobre aquilo que os leitores entenderem por certo ou errado. Entre em contato com a redação, pelo telefone 34213381 ou mande seu e-mail para jornaldegravatai@terra.com.br. Junto mande seu telefone e endereço.

A fila cresce... Este final de outono que tem noites de inverno e dias de primavera tem a propriedade de complicar ainda mais a saúde de quem tem problemas respiratórios. Os reflexos estão na quantidade de mães e avós que precisam ficar por horas nas emergências dos hospitais em busca de atendimento pediátrico. Em Gravataí não é diferente. O Silva recebeu reclamações de leitores que tiveram que passar por essa longa espera ontem, tanto nos convênios como no SUS do Hospital Dom João Becker. Alguém quer explicar o que está acontecendo? Ah, antes de mais nada, a fila que cresce não é só a do atendimento. A das reclamações também está enorme... Falta sangue... Por falar em saúde, o Silva abre espaço para uma nota de utilidade pública. Os bancos de sangue de Porto Alegre estão com estoques baixos e precisam de doações com urgência. O Hemocentro do Estado, o Grupo Hospitalar Conceição e o Hospital de Clínicas pedem doadores de todos os tipos de sangue. Para doar, é preciso ter entre 16 e 68 anos incompletos, pesar mais de 50 kg, estar em bom estado de saúde, não ser usuário de drogas e não estar grávida. Onde doar... Olha aí os endereços e horários para os doadores de plantão ou para quem quer ter esta experiência de generosidade e humanidade nesta semana. Hospital de Clínicas - Rua São Manoel, 543, bairro Santa Cecília, atendimento de segunda a sexta, das 8h às 17h. Hemocentro - Av. Bento Gonçalves, 3722, bairro Partenon. Atendimento das 8h às 18h. Hospital Conceição - Av. Francisco Trein, 596, Bairro Cristo Redentor, atendimento de segunda a sexta-feira, das 7h30 às 17h. Aos sábados, das 7h30 às 12h. Em greve... Os servidores da Procuradoria-Geral do RS estão em greve desde segunda-feira. Ontem, os grevistas estiveram reunidos no interior da Assembleia Legislativa, participando das reuniões de comissões e panfletando para os deputados e funcionários da Casa. Às 15h, os servidores da PGE compareceram ao plenário para assistir às comunicações dos deputados. Hoje, a vigília dos servidores acontecerá na rampa do Centro Administrativo Fernando Ferrari. Cunho social... Além da paralisação, os servidores da PGE também estão lançando hoje a Campanha de Agasalhos do Sindispge. A presidente do Sindicato, Sabrina Oliveira Fernandes, informou que o movimento grevista também tem um cunho social. Segundo ela, a adesão à greve da categoria está em torno de 70%. O Silva torce para que o pessoal da PGE consiga ter suas reivindicações atendidas, mas se não der, que pelo menos esta campanha do agasalho tenha sucesso, ajudando a aliviar o frio de quem precisa e não tem como se virar sozinho neste inverno que se aproxima e promete ser rigoroso, de “renguear cusco” mesmo.

Senha do dia:

“A miséria une, o dinheiro separa...”


Opinião

Gravataí, 05/06/2013 - Pág. 4

Passagem intermunicipal

e-mail:gabriel.diedrich@jornaldegravatai.com.br - Fone: 3421.3381

Meio Ambiente O vereador Clebes Mendes (PMDB) solicitou em plenário que a sua assessoria entregasse uma muda de árvore de pequeno porte para todos os vereadores e assistência em comemoração ao Dia Mundial do Meio Ambiente, celebrado nesta quarta-feira. — Se todos fizerem sua parte promovendo o plantio das mudas de árvores, visando aumentar a consciência ambiental de todos os cidadãos, é simples e faz diferença — declarou o vereador.

O reajuste das passagens de ônibus da região metropolitana de Porto Alegre vai cair quatro pontos percentuais com a desoneração tributária. A Secretaria Estadual de Obras anunciou ontem no fim da tarde que o índice ficou em um 1,74% com o novo cálculo sem a incidência de PIS e Cofins.

Um marco histórico na Semana do Meio Ambiente

O

Dia Mundial do Meio Ambiente é hoje. Em Gravataí, a data não passa em branco. A programação da Semana Municipal do Meio Ambiente foi aberta na segunda-feira (3), dia também marcado por um fato histórico: o fechamento definitivo do Aterro Sanitário Santa Tecla, uma área de 12 hectares que desde 1986 vinha servindo para a deposição dos resíduos urbanos do Município, além de ter sido usado por outras cidades – Cachoeirinha, Esteio e Porto Alegre. A decisão de fechar o aterro, se-

gundo o prefeito Marco Alba, está fundamentada em uma “moderna política de gestão de resíduos, com uma visão ambientalmente aceita” – considerando a ampliação da coleta seletiva, a separação, a compactação e outras possibilidades. O prefeito ressalta ainda que a saturação do aterro – hoje uma montanha de 85 metros de altura de resíduos, pedras e argila compactados – era uma ameaça permanente ao ambiente, apesar dos cuidados técnicos adotados pela empresa contratada desde 2005 para gerenciar o sistema.

— Acaba-se de vez com a polêmica do aterro, e a sociedade gravataiense pode se tranquilizar, porque vamos buscar a melhor solução para o Município e para o meio ambiente — reitera Marco Alba. A partir da decisão do governo de fechar o aterro, as atividades no local passarão a ser, exclusivamente, de transbordo dos resíduos sólidos. Após coletado, o lixo da cidade é levado até o Distrito da Santa Tecla, despejado na estação de transbordo e transferido por empresa contratada a local apropriado e licenciado.

Beto Pereira recebe o Senac

Empreendedorismo é tema de conversa entre vereador e Senac

Vereador Dilamar

A localidade de Morungava foi o foco das ações de melhoria realizadas em Gravataí no mês de abril pela Rio Grande Energia (RGE). Os clientes dessa região foram beneficiados com a instalação de dois novos transformadores. A concessionária empreendeu a ação com o objetivo de diminuir o risco de interrupções causadas por sobrecargas. O investimento com a instalação dos equipamentos foi de aproximadamente R$ 26 mil. Focada em ações de otimização do serviço de fornecimento e distribuição de energia elétrica, a RGE investe regularmente em obras de melhoria. O objetivo é tornar a rede mais robusta e aumentar a confiabilidade do serviço de fornecimento a fim de evitar sobrecargas e interrupções.

Greve na PGE

Assessoria de Clebes distribui mudas de árvores

O vereador Beto Pereira (PP) recebeu, ontem à tarde, em seu gabinete na Câmara de Gravataí, as representantes do Senac Gravataí, Daniele de Lima e Gislaine do Espírito Santo. Na oportunidade, Beto Pereira apresentou uma prévia do seu projeto de empreendedorismo, que visa auxiliar o crescimento sustentável das micro, pequenas e médias empresas. As profissionais do Senac disponibilizaram pleno apoio para o projeto, parabenizando pelo pioneirismo, e se prontificaram a auxiliar, qualificando a ação e multiplicando os empreendedores gravataienses.

Rede elétrica rural recebe melhorias

Prefeito Marco Alba anunciou em entrevista coletiva o fim das atividades no aterro

Coleta de lixo Com o fechamento do aterro, que recebia por mês cerca de cinco mil toneladas de resíduos (260 toneladas/dia, sendo 180 de Gravataí e 80 de Cachoeirinha), não houve descontinuidade na coleta em Gravataí nem na destinação, uma vez que a

Prefeitura providenciou a contratação emergencial de empresa para fazer a coleta, transporte e destinação dos resíduos até que esteja concluído o processo de licitação para a contratação destes serviços, num prazo previsto entre 60 e 90 dias. Um Plano de Recuperação de

Área Degradada (Prade) tramita junto à Fundação Estadual do Meio Ambiente (Fepam). Os municípios que durante esses últimos anos depositaram resíduos no aterro deverão ser chamados para participar desse processo de recuperação da área.

Secretário Busato apresenta PAC da Prevenção em Gravataí Para explicar as ações de contenção de cheias que serão implantadas em Gravataí e na região, o secretário estadual de Obras Públicas, Irrigação e Desenvolvimento Urbano, Luiz Carlos Busato, palestra hoje na Câmara de Vereadores. O evento está marcado para as 19h30. Durante o painel “A construção de duas barragens no rio Gravataí para regularização da vazão e proteção do banhado contra erosão”, Bu-

sato apresentará o Plano Nacional de Gestão de Risco e Resposta a Desastres Naturais, que é coordenado pela Secretaria. A proposta, que conta com um recurso federal de R$ 792,5 milhões, contempla projetos e obras das barragens Banhado Grande e Lagoa das Anastácias. Na oportunidade, também serão tratados temas pertinentes às questões ambientais do Vale do Gravataí.

Nesta terça-feira, segundo dia de greve dos servidores da ProcuradoriaGeral do RS, a categoria esteve reunida no interior da Assembleia Legislativa, participando das reuniões de comissões e panfletando para os deputados e funcionários da Casa. Às 15h, todos os servidores da PGE compareceram ao plenário para assistir às comunicações dos deputados. Hoje, a vigília dos servidores acontecerá na rampa do CAFF (Centro Administrativo Fernando Ferrari), onde será lançada a Campanha de Agasalhos do Sindispge. A presidente do Sindicato, Sabrina Oliveira Fernandes, informou que o movimento grevista também tem um cunho social. Segundo ela, a adesão à greve da categoria está em torno de 70%.

Serviços Urbanos

Secretário Luiz Carlos Busato

O vereador Paulinho da Farmácia (PTB) esteve reunido ontem à tarde, acompanhado do assessor jurídico, Laerte Oliveira, com o titular da Secretaria Municipal de Serviços Urbanos, Pedro Bisch Neto, oportunidade em que debateram sobre os problemas do Município e a implantação de alguns projetos que serão apresentados posteriormente.

Dilamar propõe reserva de cotas em concursos públicos O vereador Dilamar Soares apresentou ontem (4) projeto de lei que institui a reserva de cotas para afrodescendentes em concursos públicos do âmbito municipal. No texto, ficam reservados 4% das vagas oferecidas nos concursos efetuados pelo Poder Público Municipal. A fixação do número de vagas re-

servadas aos afro-descendentes será feita a partir do total de vagas no edital de abertura do concurso público e se efetivará no processo de nomeação. Na hipótese de não preenchimento dessa cota, as vagas remanescentes serão revertidas para os candidatos qualificados, observando a ordem de classificação. - Até pela minha condição de pro-

fessor de História, sei que temos uma espécie de dívida histórica com os negros, e essas ações visam estabelecer a justiça e a oportunidade de igualar as condições, além de ser um instrumento de conscientização da comunidade, para que o negro continue buscando o seu espaço na sociedade — refere o vereador.

Laerte, Pedro e Paulinho


Empregos

Gravataí, 05/06/2013 - Pág. 5

Concurso público do Irga terá 116 vagas

O

secretário da Agricultura Pecuária e Agronegócio, Luiz Fernando Mainardi, juntamente com presidente do Instituto Rio Grandense do Arroz (Irga), Claudio Pereira, assinaram, nesta terça-feira, 04, o edital para a realização do concurso público para a autarquia. Serão preenchidas 116 vagas para técnico superior orizícola, técnico superior administrativo, técnico orizícola e assistente administrativo. O edital deverá ser publicado no Diário Oficial do Estado no dia 06 de junho. A previsão é que o concurso seja realizado no dia 18 de agosto, e as inscrições serão recebidas a partir do dia 06 a 25 de junho pelo endereço eletrônico www.fundatec.com.br ou pelo www.irga. rs.gov.br. A contratação prevê 116 novos profissionais para o quadro efetivo, sendo 53 cargos de Técnico Superior Orizícola, 10 de Técnico Superior Administrativo, 52 de Técnico Orizícola e 01 vaga e mais cadastro de reserva para Assistente Ad-

Estabilidade e aposentadoria estão no topo das vantagens ministrativo. Do total de vagas, 11 serão para a capital e 105 serão preenchidas em 38 diferentes municípios gaúchos. Mainardi disse que, embora não tenham sido abertas todas as vagas previstas para área administrativa, a medida autorizada pelo governador Tarso Genro permite que se inicie o processo de substituição dos cargos de confiança pelos quadros de carreira. “O Irga não pode ficar mudando seu quadro funcional a cada troca de governo, alterações que comprometem o seu desempenho”, destacou o secretário. Pereira salientou que o concurso é uma vitória que consolida o processo de modernização e fortalecimento do instituto. Ele ainda afirmou que o Irga não realizava concurso público há mais de 30 anos. A Lei 13.930/12, que autoriza as vagas para o concurso, foi aprovada em 21 de dezembro de 2011, por unanimidade na Assembleia Legislativa e sancionada pelo governador Tarso Genro em 23 de

janeiro de 2012. Pereira também lembra que “assim como os servidores que ingressarão por concurso, os atuais servidores poderão ter uma carreira mais estável e planejada, com melhor remuneração e excelentes possibilidades de crescimento, que era uma causa mais que justa e merecida”. Os vencimentos variam de acordo com a graduação profissional, para o cargo de Técnico Superior Orizícola, o salário inicial é R$ 4.300 e podem concorrer profissionais da área de engenharia agronômica. Para o cargo de Técnico Superior Administrativo a formação necessária é: Administração, Ciências Contábeis, Economia, Ciências Jurídicas e Sociais, Biblioteconomia, Arquivologia, Jornalismo, Secretariado Executivo, Relações Internacionais, Tecnologia da Informação, Engenharia Civil e Arquitetura e o salário inicial é de R$ 4.300. Já para o Técnico Orizícola, é necessária a formação como Técnico Agrícola, Técnico em

Dia 10/06 (segunda-feira), a partir das 13 horas, entrevistas para o Grupo Zaffari. Vagas para o sexo masculino e feminino: - Operador de caixa (30) - Balconista (10) - Segurança (10) - Repositores (15) - Eletricista de Manutenção (1) - Mecânico de Manutenção (1) - Serralheiro (1) Interessados comparecer na Agência FGTAS/SINE no dia e horário informado, portando: carteira de trabalho, RG e CPF. Outras vagas disponíveis: - Confeiteiro (1) - Auxiliar de cozinha (2) - Auxiliar de cobrança (1) - Costureira (3) - Inspetor de qualidade (3) - Auxiliar de depósito (5) - Ajudante de entrega (5) Lembrando que para consultar vagas não há limite de fichas, os atendimentos são feitos de segunda à sexta, das 8h às 16h, na Rua: Adolfo Inácio Barcelos, 774.

Prova do concurso será relizada em agosto

Agropecuária. Para este cargo os vencimentos básicos são de R$ 1.800 e para o Assistente Administrativo, com formação no Ensino Médio regular, o salário inicial é R$ 1.200.

Concursos

Vagas no Sine Agência FGTAS/SINE Gravataí informa as vagas disponíveis esta semana:

Fotos Divulgação/JG

Câmara de Sapiranga (RS) Edital 01/2012 Inscrições de 20/05/2013 a 09/06/2013 no site: www.objetivas.com.br Cargo(s): Telefonista, Serviços Gerais, Tesoureiro e Agente Administrativo Salário: R$ 584,81 a R$ 1.222,25 - Escolaridade: Fundamental e Médio Taxa: R$ 25,00 - Vagas: 11 - Data da Prova: 07/07/2013 Ceasa Serra - ADCOINTER (RS) Edital 01/2013 Inscrições Prorrogadas até 10/06/2013 no site: www.fundatec.org.br Cargo(s): Auxiliar de Mercado, Auxiliar de Portaria e Auxiliar de Serviços Gerais. Salário: R$ 1.224,75 - Escolaridade: Médio e Superior Taxa: R$ 20,00 a R$ 35,00 - Vagas: 13 - Data da Prova: 30/06/2013 FURG - Universidade Federal do Rio Grande (RS) - Edital 04/2013 Inscrições de 03/06/2013 a 12/06/2013 no site: www.progep.furg.br Cargo(s): Médico Pediatra Salário: R$ 6.277,40 - Escolaridade: Superior

Taxa: R$ 110,00 - Vagas: 3 - Data da Prova: 14/07/2013 FURG - Universidade Federal do Rio Grande (RS) - Edital 05/2013 Inscrições de 17/06/2013 a 26/06/2013 no site: www.progep.furg.br Cargo(s): Técnico em Eletrônica e Técnico de Laboratório Salário: R$ 1.912,99 - Escolaridade: Médio Taxa: R$ 70,00 - Vagas: 4 - Data da Prova: 28/07/2013 IFRS - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia (RS) Edital 14/2013 Inscrições de 27/05/2013 a 07/06/2013 no site: www.ibiruba.ifrs.edu.br Cargo(s): Professor Temporário Salário: R$ 1.914,58 a R$ 4.649,65 Escolaridade: Superior Taxa: Não informada - Vagas: 3 Data da Prova: Não há Prefeitura de Capivari do Sul (RS) Edital 166/2013 Inscrições de 27/05/2013 a 07/06/2013 no local: Avenida Adrião Monteiro, nº. 2330, centro, Capivari do Sul Cargo(s): Médico Plantonista

Salário: R$ 85,00 p/h - Escolaridade: Superior Taxa: Não informada - Vagas: 1 Data da Prova: Não informada Prefeitura de Coronel Pilar (RS) Edital 01/2013 Inscrições de 21/05/2013 a 07/06/2013 no local: Avenida 25 de Julho nº 538, Coronel Pilar-RS Cargo(s): Operário, Servente, Motorista, Operador de Máquinas, Agente Administrativo, Médico e outros Salário: R$ 706,28 a R$ 4.449,56 Escolaridade: Fundamental, Médio e Superior Taxa: R$ 31,00 a R$ 93,00 - Vagas: 08 - Data da Prova: 22/06/2013 Prefeitura de Porto Lucena (RS) Edital 01/2013 Inscrições de 15/05/2013 a 10/06/2013 no site: www.premierconcursos.com. br Cargo(s): Agente Comunitário de Saúde, Agente Visitador e Agente de Combate às Endemias Salário: R$ 700,00 a R$ 800,00 - Escolaridade: Fundamental e Médio Taxa: R$ 37,84 a R$ 63,06 - Vagas: 22 - Data da Prova: Não informada


Geral

Gravataí, 05/06/2013 - Pág. 6

Daniela da Silva: "Será uma semana que nunca vou esquecer"

E

Daniela não foi inscrita no Enade e só descobriu dias antes de sua formatura. O que era para ser uma semana com boas expectativas, acabou se tornando uma confusão

stava tudo pronto para a formatura de Daniela Costa da Silva, moradora da Morada do Vale II. Festa, produtora, ensaios, book fotográfico, faculdade quitada, notas divulgadas. Os gastos passavam de 9 mil reais. A colação de grau aconteceria neste sábado (1). Daniela estava feliz, pois as comemorações tão esperadas estavam chegando. Precavida, a então estudante de Tecnologia em Gestão de Recursos Humanos ligou para a secretaria da Ulbra de Canoas para saber se estava tudo regularizado para que ela participasse da formatura. A resposta foi positiva. No entanto, na tarde de quarta-feira (29), Daniela recebeu uma ligação informando que a faculdade havia esquecido de incluir seu nome para a realização do Exame Nacional de De-

sempenho de Estudantes (Enade). E isso a impossibilitaria de participar da colação de grau e obter o diploma de conclusão de curso. O Enade é uma prova que o governo federal utiliza para avaliar os cursos das faculdades individualmente. O exame é realizado no primeiro e no último ano de cada curso. No entanto, Daniela não havia feito a prova, pois não tinha sido inscrita. Daniela não acreditou no que havia escutado. "Eu estava trabalhando em Alvorada. Passei mal, desmaiei. Disseram que não poderiam me ajudar em nada", relembra. Após se acalmar, ela começou a correr atrás dos documentos necessários para provar que a faculdade estava paga e que suas notas não a impediam de concluir a graduação. Daniela levou todos os papéis para a ad-

vogada Renilda Ramos Ferreira que foi em busca de uma liminar para que a formanda pudesse participar da solenidade. Renilda explica que segundo o artigo 6º da lei 10861/2004 é responsabilidade da universidade a inscrição dos alunos habilitados a realizar o exame. Daniela diz que chegou a perguntar a um professor se ela também precisaria realizar a prova, e a resposta que obteve foi de que se seu nome não estava na lista é porque ela não precisava. Devido ao feriado de Corpus Christi, Renilda demorou a conseguir a liminar que só foi chegar nas mãos de Daniela em Porto Alegre às 18h30 do sábado, ou seja, 30 minutos antes da cerimônia que seria realizada em Canoas. Desde o dia em que recebeu a notícia até esta data Daniela não tinha nenhu-

ma certeza se conseguiria participar da colação. Ela conta que passou noites sem dormir, pois não conseguia parar de chorar. "Cheguei às 18h50 na porta do auditório. Por causa da correria, estava suada, com o cabelo 'desmaiado'. Fiquei muito constrangida em frente aos meus colegas e também não pude participar da confraternização que é realizada antes", desabafa Daniela. A história teve um final feliz para a formanda, pois, com a liminar, foi permitido que ela participasse de sua formatura. No entanto, Daniela já entrou com um processo contra a universidade e diz ter ouvido da coordenadora de seu curso que não foi a primeira vez que uma situação como esta aconteceu. "Tive gastos com advogado que não estavam previstos. Será uma semana que nunca vou esquecer", conclui.

Foto ARQUIVO PESSOAL

Daniela passou por constrangimentos para conseguir o diploma

Escola da Caveira é incendiada por vândalos

O incêndio ocorreu durante a madrugada de segunda-feira

Marginais fizeram fogueira no pátio com as cortinas

O prefeito de Gravataí Marco Alba, acompanhado da secretária de Educação, Maria do Carmo Weber Alba, esteve visitando na manhã desta terça-feira (4) a Escola Municipal de Ensino Fundamental Antônio Aires de Almeida, localizada na Rua Franciscanos, 56, no Passo da Caveira, alvo de incêndio provocado por vândalos, na madrugada de segundafeira (3). A Polícia Civil investiga o caso para tentar apurar os responsáveis e as causas do ataque ao colégio. A escola atende a 989 alunos, nos três turnos de funcionamento. São estudantes de seis anos a 75 anos de idade e em torno de 70 professores e funcionários. Apesar dos estragos, as aulas seguem normalmente. “Estamos aguardando os resultados da perícia para tomar as medidas administrativas cabíveis, mas vamos ajudar e dar todo apoio necessário para

a reestruturação desse espaço”, disse o prefeito Marco Alba. A biblioteca foi totalmente destruída pelas chamas. Foram feitas fogueiras no meio do pátio com as cortinas arrancadas das salas de aulas, além de vidros quebrados e telas de proteção arrancadas. “Nossa biblioteca está inutilizada. Era um espaço importante e muito utilizado pelos nossos alunos”, lamenta a diretora Rejane Conceição Lima, que pede ajuda para a reconstrução do espaço. “Vamos precisar de toda ajuda e colaboração para conseguirmos todos os livros e materiais perdidos”, pede a diretora, que diz já estar limpando, ensacando e jogando fora todo material danificado no incêndio. “É muito triste, não precisavam ter feito uma coisa dessas”, comenta a vice-diretora Zélia Tresoldi Schreiber. “Dói ter que ver todo nosso esforço, para a constru-

Fotos Divulgação/pmg

Escola foi alvo do ataque de vândalos

ção da biblioteca indo para o lixo assim”. “Por sorte estamos todos inteiros, ninguém se machucou ou se feriu”, pondera Zélia, com pesar pelos estragos causados. A escola participa do Programa Escola Aberta, que oferece oficinas durante os finais de semana para a comunidade escolar, como artesanato, informática, dentre outras. Conta também com Centro

Regional de Educação de Jovens e Adultos (Cereja), que oferece a formação no ensino fundamental. As aulas ocorrem no turno da noite. A equipe diretiva é composta pelas professoras Rejane Conceição Barth Lima, diretora; Zélia Tresoldi Meregalli Schreiber, vice-diretora da manhã e noite; e Loiva Teresinha Rosa, vice-diretora da tarde.


Geral

Gravataí, 05/06/2013 - Pág. 7

Palestra na Câmara trata sobre as barragens do Gravataí Assunto será abordado pelo secretário estadual de Obras Públicas, Luiz Carlos Busato, e pelo promotor de Justiça Especializada Daniel Martini

H

oje, Dia Mundial do Meio Ambiente, uma palestra na Câmara de Vereadores, a partir das 19h, marca a sequência da programação da Semana Municipal do Meio Ambiente. Com o secretário estadual de Obras Públicas, Luiz Carlos Busato como palestrante, serão abordados detalhes da construção das barragens do rio Gravataí pelo governo estadual. Busato foi convidado pelo prefeito Marco Alba para prestar esclarecimentos à população sobre os projetos da construção das barragens, recentemente definidos dentro do Plano Nacional de Gestão de Riscos e Respostas a Desastres. O público também vai ouvir o promotor de Justiça Especializada do Ministério Público de Gravataí, Daniel Martini, sobre o mesmo tema. No Itacolomi Amanhã, as questões ambientais da cidade vol-

tam ao debate, em evento promovido pelo Grupo Escoteiro Murialdo – veja mais detalhes no quadro anexo. Na sexta-feira e no sábado, o Grupamento Ambiental da Guarda Municipal organiza uma caminhada orientada e rapel no Morro do Itacolomi, com foco na conscientização de preservação do meio ambiente. A atividade ecoturística é aberta ao público. Neste ano, participam ainda alunos da Escola Municipal de Ensino Fundamental Albino Dias de Melo. O coordenador do grupamento, o guarda municipal Márcio Rocha, destaca que a iniciativa visa a direcionar os participantes para um despertar ecológico: – Durante a caminhada, faremos a limpeza do local e na descida do morro plantaremos árvores nativas, para compensar a emissão de carbono para recuperação do impacto

AMANHÃ Três temáticas da área ambiental farão parte do encontro marcado para a sede do Grupo Escoteiro Murialdo, na Avenida José Loureiro da Silva, 900, nesta quinta-feira (6), a partir das 14h. Licenciamento Ambiental e Fiscalização serão abordados pelo biólogo Jackson Müller, diretor técnico da Fundação Municipal do Meio Ambiente (FMMA), com participação do fiscal Evandro Augusto Rufatto, do quadro da Fundação e do Grupamento Ambiental da Guarda Municipal. Às 15h, Túlio Antônio de Amorim Carvalho, coordenador da Associação dos Amigos do Meio Ambiente, de Guaíba, falará sobre as experiências com projetos de educação socioambiental.

local. As mudas foram fornecidas pela Secretaria Municipal de Agricultura e Abastecimento (SMAA), que também é parceira da iniciativa. Os participantes interessados ainda poderão realizar rapel no Pico do Cachorrinho. – O principal objetivo deste passeio é a valorização do aspecto histórico/ cultural do Morro Itacolomi, que é patrimônio cultural do Rio Grande do Sul – ressalta Rocha. O Morro Itacolomi está localizado na ERS-020, parada 83-A, no Bairro São Marcos, e a concentração será no final da Rua Nicolau Coelho no pé do morro. Pode participar qualquer pessoa ou equipe, devidamente cadastrada pela Guarda Municipal, através do e-mail gmmarciorocha@hotmail.com ou pelos telefones 3488-5799, Ramal 219, e 9469-0998.

Foto: Divulgação/PMG

Além do rapel, participantes da atividade de sexta e sábado plantarão árvores no Itacolomi

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL TABELIONATO DE PROTESTOS DO MUNICÍPIO DE GRAVATAÍ AV. JOSÉ LOUREIRO DA SILVA, 1826 - Fone: 3488.1800

EDITAL

FAZ SABER que, se encontram neste Ofício para serem protestados os títulos abaixo discriminados. Nome do Devedor ADDN COMERCIAL DE ALIMENTOS

Protocolo 1316413-0

Valor Original

Documento

R$ 19.155,00 0004

Cod. Espécie IDM

Credor Original REUTER REPRESENTACOES LTDA

ANDRE ROQUE GROSS

1314024-3

R$ 300,00 NF406B

IDM

L A SCHMITZ E CIA LTDA

CARLOS HENRIQUE MENEZES

1315774-2

R$ 385,00 2325242845

IDM

ASSOCIACAO PRO ENSINO SUPERIOR EM NOVO H

CORTIACO METALURGICA LTDA

1317053-5

R$ 233,78 4710

IDM

BRASCORTE - INDUSTRIA E COMERCIO DE SERRAS LT

CORTIACO METALURGICA LTDA

1317081-6

R$ 580,00 4860/1

IDM

COOPERATIVA DOS TRABALHADORES METALURGICOS DE

D F MOTA ME

1316938-3

DENISE BRANDAO GOMES

1315567-7

R$ 739,11 0003439001 R$ 1.150,00 CHS

IDM

COMERCIO DE FERROS TREZAR LTDA

IDM

ADMEDIC PROD MEDICOS E EL LTDA

E N DAVILA MOVEIS ME

1315947-0

R$ 473,00 140313/03

IDM

DELAMINAS COMERCIO E EXPORTACAO LTDA

ELISANDRO DE FREITAS YUNG

1313647-9

R$ 2.420,00 SA-000171

CH

TONDO & CIA LTDA

FERCOPI INDUSTRIA DE BORRRACHA E COME1315953-6

R$ 506,00 0006679/

IDM

INDUSTRIA DE CALCARIOS CACAPAVA LTDA

FERFIBRAS IND E MAN INDUSTRIAL LTDA

R$ 102,95 03602877060

IDM

MADEIREIRA HERVAL LTDA

1315891-9

FIBERBOYES CHAPAS LTDA

1317001-8

R$ 2.521,07 0268675505

IDM

RODONAVES TRANSP ENCOMENDAS LT

FIBERBOYS CHAPAS LTDA

1316646-0

R$ 2.439,60 13860/13/2

IDM

BAUNGARTEN IND E COMERCIO LTDA

FONSECA E LUDWIG TRANSPORTES L

1316300-0

R$ 160,82 04002709

IDM

RENASOFT SISTEMAS P C LTDA ME

FORTALEZA DA BORRACHA LTDA

1316957-5

R$ 173,75 NF-668-B

IDM

SULBORRACHAS COML ATAC LTDA

IMPAR - IND. E COM. DE MAQ. E IMPL. A

1315928-8

R$ 357,36 17562/23

IDM

ORDENHADEIRAS SULINOX LTDA

INSTITUTO DO SORRISO SERV.OD.L

1315086-6

R$ 342,10 340

IDM

ASSEFFER ASS EMPRESARIAL LTDA

JACQUELINE VIERO MONTI

1314908-9

R$ 85,35 14200476

IDM

CIRC OPERARIO FERROVIARIO DO RGS

JOAO DE ALMEIDA BRIZOLA ME

1314732-6

R$ 92,00 8757UA

IDM

SANDI COMERCIO DE TINTAS LTDA

LUIZ FERNANDO MEGGIATO

1314568-0

METROPOLITANA DE VEICULOS LTDA-POA

R$ 176,00 24211904

IDM

MACEN CONSTRUTORA E INCORPORADORA LT 1315608-2

R$ 288,00 6135/13

IDM

ARGAMASSA SAO JORGE LTDA

MARCELO GONCALVES DE AZEVEDO

R$ 690,00 14128-1

IDM

AGROZACCA ALIMENTOS LTDA EPP

1315962-5

MATEUS GUTERRES ME

1315644-9

R$ 576,39 16301 5 5

IDM

KLZ - DISTRIBUIDORA DE RACOES LTDA ME

PAULO RENATO RODRIGUES DIAS

1316552-2

R$ 123,10 1.557-B

IDM

QVS PRODUTOS ELETRONICOS LTDA - ME

PAULO RENATO RODRIGUES DIAS

1316553-7

R$ 249,80 1.557-C

IDM

QVS PRODUTOS ELETRONICOS LTDA - ME

PEG TAB IND COM PECAS PLASTICA

1315559-2

R$ 660,00 5426.2

IDM

J.P. DA LUZ MODESTO

PRISCILA VARGAS DE BORBA

1315773-8

R$ 2.724,62 2325241699

IDM

ASSOCIACAO PRO ENSINO SUPERIOR EM NOVO H

ROBERSON BOEIRA KULMANN

1316706-8

R$ 271,80 82387/06

IDM

REPECOL COMERCIO DE RODAS E PNEUS LTDA

RUDIMAR JOSE BENDER

1315917-0

R$ 255,73 3422/09C

IDM

GEADA COMERCIO DE MATERIAIS DE CONSTRUCAO LTD

SERGIO FIDENCIO ZANDONA

1315615-2

R$ 323,88 5216202001

IDM

FRIGELAR COMERCIO E DISTRIBUICAO S.A.

SONIA GLIENKE DE SOUZA

1315867-5

R$ 7.910,01 630322545

CCBI

BV FINANCEIRA SA ,CRED,FINANC E INV

UNISUL MOV E DECORACOES

1314627-3

R$ 517,09 028164-02

IDM

MOVEIS CALOMA LTDA

VALDEMAR DA CRUZ

1316666-7

R$ 135,00 16854

IDM

KLZ - DISTRIBUIDORA DE RACOES LTDA ME

VALEO SISTEMAS AUTOMOTIVOS

1313214-3

R$ 240,00 22630

IDM

METROSUL SOLUCOES EM METROLOGIA LTDA

WILLIAN OLIVEIRA DE FREITAS

1315530-4

R$ 218,00 13040233

IDM

VARGAS LOCADORA EQUIP LTDA ME

Estas pessoas encontram-se em alguma das situações definidas pelo art. 15 da Lei nº 9.492, de 10.09.97, razão pela qual é publicado o presente edital, na forma do parágrafo 1º do mesmo artigo, ficando intimada a virem pagar no Tabelionato os respectivos títulos, evitando o protesto, ou oferecer resposta, que não evitará o protesto, tudo no prazo de três (03) dias úteis, contados a partir da data de publicação deste edital. Gravataí, 05 de junho de 2013.

VALECY CABELEIRA BITELO - OFICIAL


Geral

Gravataí, 05/06/2013 - Pág. 8

Inter contrata atacante Jorge Henrique O Internacional acertou nesta terça-feira (4/6) a contratação do atacante Jorge Henrique, de 31 anos, que estava no Corinthians. Ele fará exames médicos e posteriormente será apresentado oficialmente como reforço do Colorado. O vínculo com o Internacional será até dezembro de 2015

Cerâmica enfrenta o São José na capital Garotada entra em campo hoje a tarde no Estádio Passo D’Areia

A

equipe Sub20 do Cerâmica, comandada por Gelson Conte, enfrenta o São José nesta quarta-feira (4) às 15h 30, no Passo D’Areia, em Porto Alegre. O jogo é válido pela 7ª rodada do Estadual Junior. Somente a vitória poderá levar o Cerâmica novamente à zona de classifica-

petição”, disse. O treinador vem utilizando os treinos e jogos da competição para avaliar os atletas e estruturar o time que formará a base da equipe principal na Copa da Federação Gaúcha de Futebol, campeonato que o Cerâmica irá disputar a partir de agosto.

Atacante Jorge Henrique (D)

Grêmio pocura novos talentos com a bola Com o objetivo de buscar novos talentos, o Grêmio Foot–Ball Porto Alegrense proporciona um período de avaliação para aletas nascidos entre 1996 e 2004. Os interessados deverão procurar uma escola conveniada de sua cidade ou região para realizar a avaliação. Esta é a primeira de uma série de etapas para que o menino possa concretizar o sonho de se tornar um atleta do Clube. Maiores informações, entrar em contato pelos telefones (51) 3218-2815 no setor de captação ou 3218-2854 no setor de escolas conveniadas. Ou pelos e-mails escolasconveniadas@gremio.net ou avaliacao@gremio.net.

Gurizada terá chance no Grêmio

Fundergs destina mais de R$ 230 mil

O titular da Secretaria Estadual do Esporte e do Lazer (SEL), Kalil Sehbe, e a presidente da Fundação de Esporte e Lazer do RS (Fundergs) Renita Dametto, assinaram, nesta segunda-feira (03), 16 convênios com 12 entidades e municípios gaúchos. No total, serão investidos mais de R$ 230 mil para a realização de eventos das mais variadas modalidades esportivas. Somados, os 16 convênios devem atender 2.240 participantes e reunir um público de mais de 27 mil pessoas. "Com essas assinaturas, a Fundergs ultrapassa 700 convênios assinados, superando o número dos convênios realizados em 10 anos de Fundergs, chegando a mais de um milhão e meio de pessoas atendidas", destacou Kalil Sehbe.

Foto Divulgação/CAC

ção do Grupo A da competição. Esta manhã, o grupo treinou no CT do Cerâmica. Após os trabalhos táticos, o técnico Gelson Conte destacou que a classificação está ao alcance do grupo. “A classificação depende somente de nós. Precisamos vencer esta partida para pensarmos em seguir adiante na com-

Estadual Junior – Taça Vanderlei Bersaghi: São José x Cerâmica Quando: Quarta-feira, às 15h30 Onde: Estádio Passo D’Areia, em Porto Alegre. Ingressos: Entrada gratuita.

Seminário em Canoas discute o Esporte e Lazer no Brasil Com a temática do “Esporte e Lazer no Brasil: divisão de responsabilidades entre os entes federativos”, ocorreu de 29 de maio a 1º de junho, na Unilasalle, em Canoas, o 11º Seminário Nacional de Políticas Públicas de Esporte e Lazer. O evento foi organizado pela Fundação de Esporte e Lazer do Rio Grande do Sul (Fundergs). Gravataí esteve representada pelo titular da Secretaria Municipal de Esporte e Lazer (Smel), Luciano Oliveira, e sua equipe técnica. Oliveira comenta que o objetivo do evento foi proporcionar uma reflexão sobre as Políticas Públicas do Esporte e do Lazer e a divisão de respon-

sabilidades entre os sistemas que integram a gestão do esporte natural. “É sempre válida a participação do município em cursos, palestras e seminários estaduais e municipais, para a troca de experiências”, revela Oliveira. Do seminário, Oliveira destaca a “Lei de Incentivo ao Esporte (LIE)”, que foi tema de palestra e teve como meta consolidar o esporte e o lazer como uma estratégia no desenvolvimento da qualidade de vida da sociedade gaúcha e contribuir para implantação dos sistemas municipais de esporte. Acompanharam o secretário o diretor de Lazer e Recreação

Foto Divulgação/pmg

Secretário e equipe técnica da Smel

da Smel, Adroaldo Gardê, a coordenadora de Núcleos Esportivos, Cristina Fonseca, o diretor

de Futebol, Demétrio Tafras, e o coordenador administrativo da Smel, Cezar Pombo.

Seleção brasileira define horários de treinos em Porto Alegre A CBF confirmou apenas na noite de segunda-feira, 3 de junho, os horários dos seus treinos em Porto Alegre, para o jogo contra a França, domingo (09), na Arena do Grêmio (Campo Oficial de Treinamento para a Copa). Os treinamentos da sexta-feira (07) serão realizados no CT do Beira-Rio e começará às 15h30. A seleção brasileira irá reconhecer o gramado da Arena no sábado (08), às 16h. Depois do jogo de domingo passado contra a Inglaterra no Maracanã e da folga até o meio da tarde de segunda, a seleção viajou para Goiânia, onde ficará concentrada, e já treinou na manhã desta terça, 4. Antes, os jogadores que ainda não tinham feito exames médicos - Fred, Diego

Foto Divulgação/JG

Cavalieri e Jean do Fluminense, Réver e Bernard do Atlético Mineiro, e Luiz Gustavo e Dante do Bayern Munique – realizaram eletrocardiograma e hemograma. A viagem para Porto Alegre será na sexta-feira, às 9h, em vôo fretado. CBF não prioriza sócio gremista no jogo da Seleção Os sócios gremistas não terão regalias na compra dos ingressos de Brasil e França, dia 9, na Arena. Não poderão comprar antes, na frente dos demais torcedores gaúchos e brasileiros. A CBF entende que não pode ajudar uma só torcida em jogo da Seleção. A data de início das vendas dos tíquetes pode ser na quinta-

Arena será sede do amistoso da seleção

feira, mas ainda não está nada definido. O preços ficarão entre R$ 60 e R$ 700. A CBF tem a promessa de que o setor reservado à torcida

Geral, que está em reforma, será liberado para o amistoso internacional. A decisão está com os bombeiros.


Polícia

Gravataí, 05/06/2013 - Pág. 9

Homem entrega bebê, mas mantém ex-mulher em cárcere privado Jerry Eder Aguiar de Oliveira ameaça matar a ex-companheira com uma faca. Neto de menos de um mês foi liberado

U

m homem de 48 anos foi preso preventivamente na manhã desta terça-feira (21) em uma praça da cidade de Glorinha. O técnico em enfermagem participava de uma atividade na área da saúde no momento da prisão. Ele é acusado de fazer sexo oral com pacientes sedados, que estavam em atendimento no posto de saúde do Município. Até o momento, cinco homens registraram ocorrência policial. Conforme a delegada Adriana Regina da Costa, o suspeito, segundo testemunhas, aproveitava o momento em que os pacientes estavam sedados para abusá-los. A primeira vítima procurou a polícia e relatou os

fatos, desencadeando uma investigação em que já apontou outros quatro homens. A investigação ainda prosseguirá para identificar mais vítimas. De acordo com a delegada Adriana, descobrir essas agressões é mais difícil porque as vítimas são homens, e eles geralmente têm vergonha de denunciar o crime. — A dificuldade de encontrar as vítimas, apenas homens, esbarra na necessidade das mesmas representarem contra o acusado e expor o caso na delegacia — conclui a delegada Adriana. Segundo a polícia, os abusos ocorriam desde 2005. O suspeito foi preso e encaminhado para a Delegacia Regional de Gravataí e, posterior-

Foto Divulgação/JG

17º BPM prende por tráfico de entorpecentes

Jerry mantém Rosemeri em cárcere privado

mente, ao sistema prisional. A prisão foi coordenada pela delegada re-

gional Adriana Costa. O homem estava sendo investigando há cerca de um mês.

Na segunda-feira (03/6), no bairro Nova Conquisa, em Gravataí, policiais militares do 17º Batalhão de Polícia Militar (17º BPM) prenderam L.M.P.M., S.R.B. e N.M.. Com eles, foram encontradas 16 buchas de maconha e 30 pedras de crack. Todos foram encaminhados à Delegacia de Polícia de Pronto Atendimento (DPPA).

"Eu não debochei", diz advogado agredido por mãe de vítima da boate Kiss O advogado Jader Marques, defensor de Kiko Spohr — um dos réus no processo judicial do incêndio que matou 242 pessoas na boate Kiss, em Santa Maria — diz que jamais debochou dos pais das víti-

mas. Logo após a sessão no Tribunal de Justiça que autorizou a libertação de seu cliente e três outros réus que estavam presos, Jader recebeu um tapa de Carina Correa, mãe de uma das garotas mortas no incênFoto Divulgação/JG

Jerry mantém Rosemeri em cárcere privado

dio, Thanise Correa Garcia. Carina disse que não agiu racionalmente, mas movida pelo instinto de mãe. E justificou sua agressão, afirmando que Jader "está sempre debochando, ironizando" e que o advogado teria passado toda a sessão sorrindo. Jader, que cogita processar judicialmente Carina por agressão, assegura que não sorriu durante a sessão que resultou na libertação provisória dos réus. — A afirmação de que eu estava rindo e debochando ofendeu-me mais do que o tapa no rosto. Foi um julgamento extremamente tenso e não houve ironia ou outro comportamento deste tipo naquele ambiente. A sessão foi marcada por silêncio e expectativa de todas as partes. Tenho a filmagem do julgamento e posso comprovar o que afirmo. Não desrespeitei

os familiares na sessão ou em qualquer momento deste processo — comenta o advogado. Como aconteceu O incêndio na boate Kiss, no centro de Santa Maria, começou entre 2h e 3h da madrugada de domingo, dia 27 de janeiro, quando a banda Gurizada Fandangueira, uma das atrações da noite, teria usado efeitos pirotécnicos durante a apresentação. O fogo teria iniciado na espuma do isolamento acústico, no teto da casa noturna. Sem conseguir sair do estabelecimento, pelo menos 240 pessoas morreram e mais de 100 ficaram feridos. A tragédia, que teve repercussão internacional, é considerada a maior da história do Rio Grande do Sul e o maior número de mortos nos últimos 50 anos no Brasil.

Balada Segura tem agora reportagem nas madrugadas A Operação Balada Segura conta agora com um repórter para falar de segurança nas noites de Porto Alegre e Região Metropolitana. O Repórter Balada Segura fará quatro participações no programa Brasil na Madrugada, da rádio Gaúcha, às quintas, sextas e sábados, entre meia-noite e 4 da madrugada.

A iniciativa tem o objetivo de promover a segurança no trânsito, estimulando o diálogo entre pais e jovens e promovendo mais informação para as famílias, difundindo notícias diretamente das ruas e dos principais locais de festas. A cobertura da vida noturna percorrerá bares, eventos e lo-

cais de concentração de pessoas, além das próprias blitze. Em sua campanha nas rádios e redes sociais, a Operação Balada Segura dirige-se aos pais, falando de seu papel como orientadores e como exemplos, e aos jovens, incentivando-os a protagonizar as mudanças que o trânsito necessita, por meio de

atitudes cidadãs e responsáveis. Embora o foco da Operação Balada Segura seja o combate ao uso do álcool ao volante, as blitze educativas e de fiscalização têm buscado ampliar seu alcance com temas voltados à segurança e na conquista de mais participantes na luta pela redução da acidentalidade.

Homem é detido em Cachoeirinha Policiais civis da 1ª Delegacia de Polícia (DP) de Cachoeirinha, prenderam em flagrante, na tarde desta terça-feira (04/06), L.C.M., de 51 anos de idade, pelo delito de tráfico de drogas. Na residência do homem, que possui antecedentes policiais por receptação, porte ilegal de arma de fogo e lesão corporal, os policiais apreenderam maconha, papelotes e plásticos de invólucros para a droga vendida, além de localizarem dinheiro em moedas trocadas no bolso da calça do preso. Segundo o delegado Rafael Liedtke, o preso foi conduzido até a 1ª DP de Cachoeirinha, onde foi autuado pela prática do delito do artigo 33 da Lei nº 11.343/2006 (tráfico de drogas) e, posteriormente, será encaminhado ao Presídio Central de Porto Alegre.


Fotos: Divulgação/JG

Salada de repolho rapidinha

Nara Gomes Massulo - Nutricionista - naramassulo@terra.com.br

PALAVRAS CRUZADAS DIRETAS CRUZADAS DIRETAS © Revistas COQUETEL 2011

PALAVRAS www.coquetel.com.br Duas Cantar www.coquetel.com.br capitais Duas nordesticapitais nas nordestinas

para o Cantar bebê para o dormir bebê dormir

Anita (?): A Heroína Anita (?): de Dois AMundos Heroína de Dois Mundos

Quantidade QuantiPartida de dade um carro Partida de um carro

Maior deserto do Maior mundo deserto do mundo

Neurotransmissor que Neurotransfunciona missor que como antifunciona depressivo como antinatural depressivo 60 quilos natural de café 60 quilos Cair a de café tarde; Cair a escurecer tarde; escurecer

DONA XEPA Xepa conta a Miro que Édison ainda não decidiu se poderá fazer o workshop e revela que o filho está enrolado com as tarefas da faculdade. Lis descobre que Pérola tinha interesse amoroso por Júlio César e Meg pede que a filha esqueça o passado. Ângelo e Teresinha tentam comprar o voto de Dorivaldo, que se espanta com a chantagem de Matilda. Alda tenta consolar Pérola, que sofre com lembranças do passado, mas Júlio César as interrompe. O empresário promete não impedir o afastamento da esposa de Feliciano da “Sabor e Luxo” e surpreende a senhora, que repensa sua guerra a família Pantaleão.

De forma elíptica De Barboforma (?) elíptica sa: compôs (?) Barbo"Trem das sa:Onze" compôs "Trem das Adultera; Onze" estraga Adultera; Cargo de estraga Dilma Cargo de Rousseff Dilma Rousseff

Macaco do filme daCOQUETEL © Revistas Corta a Disney "Aladdin" capital Macaco da Patroa; do filme Revolta Corta a francesa Disney "Aladdin" senhora (bras.) capital Patroa; Revolta francesa senhora (bras.)

Alceu Valença, Alceu cantor Valença, brasileiro cantor Degrau, "(?), brasileiro em inglês César!", Degrau, "(?), saudação Vão; emvazio inglês César!", romana saudação Vão; romana vazio

Sebastião Tapajós, Sebastião virtuose Tapajós, do violão virtuose do violão

Age como Calabar Age como (Hist.) Calabar (Hist.)

Arte marcial difundiArte da marcipelos al difundijaponeses da pelos japoneses

Cobertura de circos Cobertura (pl.) de circos Cascudo (pl.) (peixe) Cascudo Cartunista (peixe) brasileiro Cartunista brasileiro

Escrever na agenda Escrever Elétron na agenda (símbolo) Elétron (símbolo)

113

BANCO

113

BANCO

2011

Órgão da cavidade Órgão da torácica cavidade (Anat.) torácica (Anat.)

Orlando Duarte, Orlando analista Duarte, esportivo analista esportivo

Inativo; preguiInativo; çoso preguiçoso

Arnaldo Niskier, Arnaldo escritor Niskier, brasileiro escritor brasileiro

Solução

Solução anterior Solução

A M A A M A O

CR A A R T A E T E CE

A

L E L V E A V N A T N E T

D R D R V I V S I C S E C R E A R A A N A N

T

E

I N I E N R TE RE

E

R

N EA R

EA

NS

R I R O I S O E

Jornal de Gravataí

O T R T A R I A I O D O D

Os resumos dos capítulos de todas as novelas são de responsabilidade de cada emissora

Desfolhe o repolho, lave-o retirando o talo e corte bem fininho. Coloque dentro de uma saladeira e misture todos os outros ingredientes misturando bem. Decore com abacaxi e tomatinho cereja.Ótimo para servir em cardápio festivo.

A B A U B U S T S A T I A R I R N A N N A I N I

amor à vida Paloma pede para Bruno ficar com ela. Pilar se recusa a contar para Félix por que Bernarda não gosta de César. Aline aparece na mansão e leva flores para a sogra de seu patrão. Valdirene se irrita com o tratamento que Márcia dá para Atílio. Carlito convida Valdirene para ir a uma festa. Paloma pega as chaves de seu apartamento. Márcia compra roupas para Atílio, e ele a ajuda com a contabilidade da venda de cachorro-quente. Félix exige que Aline se mantenha longe de sua família. Thales conhece Vega em uma livraria. Perséfone tenta se aproximar de Daniel.

O Grupo de Extensão e Pesquisa Reciclo-Óleo da ULBRA campus Gravataí promoveu uma exposição fotográfica, onde reuniu diversos registros das atividades que o grupo vem desenvolvendo desde 2010. A Mostra Fotográfica ocorreu de 27 a 29 de maio de 2013, no saguão principal da ULBRA campus Gravataí. Os participantes puderam acompanhar as atividades através das fotografias e estava à exposto amostras de sabão em barra e sabonete líquido que são produzidos pelo grupo de pesquisa em que a matéria prima é o óleo de cozinha saturado (usado). O grupo comemora neste mês 3 anos de existência, com uma agenda cheia de eventos e atividades, com muito trabalho para ser desenvolvido temos a garantia de que estamos sendo reconhecido a cada dia. Visite www.reciclo-oleo.blogspot.com.br para saber mais sobre o trabalho do Reciclo-Óleo.

uModo de preparo

N R I N N R IA A R N R A RA R O R A C R O N O A C C N O A L C D O A L A N D O A A N E S A E S

SANGUE BOM Amora desmente a notícia de Sueli Pedrosa, mas Maurício fica intrigado. Irene sai do quarto antes de Fabinho acordar. Fabinho acorda e pede para falar com Rita (nome que Irene se apresentou). Xande e Filipinho fazem as pazes. Madá leva Damáris para falar com Áurea. Perácio vende a cópia do quadro que pintou para Wilson e revela que não é o original.

Mostra Fotográfica e Aniversário do Reciclo

uIngredientes 1 repolho grande, 1 xícara de maionese de sua preferência, 1 caixa de creme de leite de sua preferência, 200 g de mussarela em cubos, 200 g de presunto em cubos, 200 g de peito de frago desfiado, 1 colher de chá de mostarda, cheiro verde a gosto, sal a gosto e se gostar uma pitada de pimenta-do-reino.

N G A N T G A S A T L S A S E L S S E A S L A O V L A O V D A O D P R O P R

FLOR DO CARIBE Cassiano e os tenentes observam Alberto, enquanto ele coloca algumas caixas em seu carro, com a ajuda de capangas. Guiomar passa a casa que ganhou de Alberto para usufruto da ONG. Duque compra a mina e coloca no nome de Amaralina.

Culinária JG

MALHAÇÃO Lia, Tatá e Gil se despedem de Fatinha no aeroporto. Tizinha incentiva Bruno a resgatar Fatinha. Vitor leva Bruno ao aeroporto, mas eles não chegam a tempo. Lia não se conforma de ter que sair de seu apartamento por falta de pagamento. Sal diz a Luana que quer se redimir. Nélio marca um encontro com Tizinha no Misturama. Nando decide conversar com Orelha sobre Morgana.

3/abu. 4/nani — oval — trai. 5/stair.

Resumo de Novelas

Entretenimento

3/abu. 4/nani — oval — trai. 5/stair.

Gravataí, 05/06/2013 - Pág. 10


Cultura/Geral

14h - Palestra com Jackson Müller - Diretor Técnico da FMMA; Evandro Augusto Rufatto - Fiscal Ambiental da FMMA e Grupamento Ambiental da Guarda Municipal do Município. Tema: Licenciamento Ambiental e Fiscalização no Município de Gravataí 15h - Palestra com Túlio Antônio de Amorim Carvalho - Coordenador Administrativo da AMA - Guaíba. Tema: Experiências em Projetos de Educação Socioambiental da AMA (Associação Amigos do Meio Ambiente de Guaíba). Local: Grupo Escoteiro Murialdo.

Gravataí recebe o projeto Muda Mundo - Tegma As atividades são gratuitas para educadores e alunos da rede pública

P

rofessores e alunos da rede pública, de Gravataí, recebem o projeto MudaMundo/Tegma. As atividades do projeto envolvem oficinas para professores e apresentações teatrais para as crianças, além da distribuição de 600 kits, composto por dois livros, CD e bloco para os participantes. As atividades acontecem em três escolas da cidade. Os conceitos de ética e cidadania vêm recebendo destaque no dia a dia das pessoas. Por outro lado, as crianças são bombardeadas com maus exemplos por diversos canais. Nesse sentido, como transmitir valores éticos e de responsabilidade com o meio ambiente e o próximo? Qual o papel da escola neste processo? O projeto MudaMundo vem propor soluções para essa questão. O projeto João é um herói negro que quer mudar o mundo. Este é o ponto de partida do projeto MudaMundo/ Tegma, que tem como principal objetivo a disseminação de valores nas escolas. Voltado para educadores e crianças do 1o ao 5o ano do Ensino Fundamental, a iniciativa busca trabalhar em sala de aula questões ligadas à ética e cidada-

nia, como respeito ao próximo e ao meio ambiente. O projeto parte do livro MudaMundo, que é escrito em forma de roteiro de teatro por Cristiane Ostermann e Raquel Grabauska. Na Oficina de Sensibilização, são trabalhados temas como a situação da criança e da educação em nosso país e o papel do educador diante disso. Todos os professores participantes recebem o kit MudaMundo, contendo o livro, um caderno de sugestões para o professor, um CD e bloco de anotações. Já o Teatro MudaMundo procura sensibilizar os pequenos a partir de recursos lúdicos e criativos, que se desdobram em pequenas esquetes e teatro de bonecos, costurados por uma trilha sonora composta especialmente para o projeto. Sendo realizado desde 2006, o projeto teve 97 cidades contempladas, 4.073 escolas envolvidas, 52.729 kits distribuídos, 252.392 livros distribuídos, 47.680 crianças atingidas e 8.719 professores participantes. O projeto MudaMundo é viabilizado pela Lei Rouanet do Ministério da Cultura. No município de Gravataí, conta com o patrocínio da Tegma. É uma realização da Signi, empresa especializada em estratégias de responsabilidade social.

Agenda Quinta-feira (13 de junho) Local: Escola Estadual Carlos Bina Endereço: Rua Demétrio Silva, 35 Horário: 8h30min Local: Escola Estadual Antônio Gomes Correa Endereço: Rua Demétrio Silva, 35 Horário: 13h Quarta-feira (19 de junho) Local: Escola Estadual Carlos Bina Endereço: RS 030, 3100 Horário: 10h Local: Escola Estadual Antônio Gomes Correa Endereço: Rua Demétrio Silva, 35 Horário: 15h Sexta-feira (28 de junho) Local: E.M.E.F Dorival Cândido Luz de Oliveira Endereço: Rua Luis Azeredo, 87 Horário: 10h Local: E.M.E.F Dorival Cândido Luz de Oliveira Endereço: Rua Luis Azeredo, 87 Horário: 13h30min Peça Inscrições abertas para todos os professores da rede pública. Vagas limitadas. Informações pelo telefone (51) 3019-3913.

Gravataí, 05/06/2013 - Pág. 11

Áries: A tensão aumenta em assuntos que envolvem sua casa e sua família, mas você deve ter calma. Um ótimo aspecto entre Mercúrio, Vênus, Netuno e Saturno vai estabilizar esses mesmos projetos, no entanto, você deve agir com cautela. Touro: A tensão pode aumentar um pouco, especialmente com as finanças, no amor e na comunicação em geral. No entanto, um outro e ótimo aspecto entre Netuno e Saturno vai trazer a estabilização desejada. Gêmeos: A tensão com seu regente está mais forte, no entanto, uma Luz desce do céu e um outro aspecto que também envolve seu regente, Vênus, Netuno e Saturno, trazem novas oportunidades de estabilidade financeira. Fique atento. Câncer: A tensão com Mercúrio e Vênus em seu signo aumenta, no entanto, um outro novo aspecto que envolve esses mesmos planetas, Netuno e Saturno, traz a estabilidade emocional necessária para superar qualquer possível obstáculo. Leão: A tensão emocional e a necessidade de isolamento podem aumentar, no entanto, um novo e bom aspecto entre o mesmo Mercúrio, Vênus, Netuno e Saturno vai trazer novos insights e abrir novas portas em poucos dias. Fique atento. Virgem: Nesta fase de tensão, especialmente entre amigos ou em um trabalho em equipe, um outro aspecto se forma no céu e melhora significativamente seus projetos. Toda tensão é discretamente diluída conforme os dias passam. Libra: A tensão que existe no céu neste momento começa a ser diluída por um outro aspecto que envolve os mesmos Mercúrio e Vênus. Saturno e Netuno começam a beneficiar e trazer estabilidade em seus projetos profissionais. Escorpião: A tensão que se formou no céu aumenta por um lado, mas começa a receber uma sutil energia de estabilidade, especialmente nos projetos que envolvem pessoas e negócios com outros países. Oportunidades à vista. Sagitário: Suas emoções continuam à flor da pele e o desejo de se aprofundar nos sentimentos é bastante forte, especialmente se isso envolver uma outra pessoa. Intimidade e sensualidade dão o tom do momento. Capricórnio: A tensão é grande por um lado, no entanto, Mercúrio e Vênus recebem um ótimo aspecto de Netuno e Saturno. A sensação pode ser de dúvida ou de desequilíbrio. Procure deixar o controle de lado e deixe o Universo decidir.

Se Beber, Não Case! Parte III Desta vez, não há casamento. Nem despedida de solteiro. Então, nada poderia dar errado, certo? Mas quando o Bando de Lobos cai na estrada, tudo pode acontecer. Sid (Jeffrey Tambor), o pai de Alan, falece e ele surta, ficando ainda mais louco do que de costume. Alan se torna um perigo para si mesmo e para a sociedade, e seus amigos Phil, Stu e Doug resolvem interná-lo em uma clínica para doentes mentais. Porém, no caminho, o carro é interceptado pelos capangas do perigoso traficante Marshall (John Goodman), que quer saber onde está Sr. Chow (Ken Jeong), que roubou US$ 21 milhões seus. Após Doug ser sequestrado como garantia, o trio de Lobos partem em uma viagem por Los Angeles e Las Vegas, além de Tijuana na froteira com o México, para encontrar o infame Chow e pagar uma antiga divida.

Aquário: Há tensão no trabalho por um lado e abertura de portas por outro. Caso esteja pensando em mudar de emprego ou começar um novo projeto, a hora é agora. No entanto, deve se planejar e organizar adequadamente. Peixes: Não se deixe levar por emoções negativas ou por pensamentos que baixem suas emoções. Por um lado o Universo tira, mas por outro ele traz estabilidade emocional. Suas emoções tendem a entrar em uma fase de estabilização.


JORNAL DE GRAVATAÍ Quarta-feira, 05 de junho de 2013

Honda promove programa “Harmonia no Trânsito” em Gravataí Parceria da Grava Motos e prefeituras, com apoio do JG e do Correio de Cachoeirinha, trazem curso e palestras para trânsito mais seguro

C

om melhor renda e mais emprego, somados às facilidades para comprar um carro zero quilômetro, o trânsito de Gravataí e região fica cada vez mais complicado. Daqui dez anos, a estimativa é de que os congestionamentos hoje diários sejam muito maiores, até mesmo porque as soluções viárias para o problema devem demorar. Para trafegar no meio deste caos urbano, veículos leves, rápidos e menos poluentes como bicicletas e motocicletas tendem a ser a melhor solução – é claro que não de forma isolada. Para tornar as ruas e avenidas mais segu-

ras para o tráfego de duas rodas, em parceria com a Honda e com o apoio do Jornal de Gravataí, a Grava Motos e as prefeituras de Gravataí e Cachoeirinha estão promovendo a primeira edição do programa Harmonia no Trânsito na cidade. As ações do programa estão agendadas para os dias 11, 12 e 13 de junho, no Parque Municipal de Eventos Ireno Michel. No local será montada a estrutura do Motorhome de Pilotagem do Centro Educacional de Trânsito Honda, uma carreta que comporta as salas de aula e todos os equipamentos necessários

para o Curso de Pilotagem Fundamental e para a palestra “Harmonia no Trânsito”, além do simulador de pilotagem. As atividades são destinadas a munir motociclistas com melhores informações sobre pilotagem consciente e defensiva e também formar multiplicadores destas técnicas e instruções para empresas e órgãos públicos. Toda a programação é gratuita. Os 100 primeiros inscritos para as palestras, que acontecem no dia 13, ganharão brindes da Grava Motos. As inscrições estão abertas e podem ser feitas por e-mail - for-

necendo nome, e-mail e telefone. A reunião que definiu os detalhes da ação conjunta foi realizada ontem, na matriz da Grava Motos, na parada 61, coordenada pelo diretor da empresa, José Gattiboni Pacheco. Participaram do encontro, o secretário municipal de Mobilidade Urbana, Adão Castro Junior, o oficial da Guarda Municipal de Gravataí, Paraguassú Madruga, o coordenador de Ensino da Guarda Municipal, Marcelo Borba, e o chefe do Departamento de Tráfego da Secretaria de Mobilidade Urbana de Cachoeirinha, Charles Doebber.

Foto: Claudio Oliveira/JG

Reunião entre parceiros na noite de ontem definiu as atividades HARMONIA NO TRÂNSITO Dia 11/06 – Treinamento para representantes de concessionárias. Dia 12/06 – Curso Pilotagem Fundamental, para representantes das Prefeituras de Gravataí e Cachoeirinha e empresas, formação de multiplicadores. Dia 13/06 – Palestra “Harmonia no Trânsito”, com 90 minutos de duração. Horários – 8h30, 10h30, 13h30, 15h30 e 17h. A inscrição e participação é gratuita e pode ser feita por e-mail – cliente@ gravamotos.com.br. Haverá brindes para os 100 primeiros inscritos. Mais informações pelo fone 3490-3030. Obs.: As atividades serão realizadas mesmo com chuva.


SAÚDE & CIA

Caderno semanal do Jornal de Gravataí - Circula em Gravataí, Cachoeirinha, Glorinha e Santo Antônio da Patrulha - Quarta-feira , 05 de junho de 2013 - Ano IV - Nº 175

Sábado é o “Dia D” de vacinação contra a Poliomielite O Ministério da Saúde quer vacinar 95% dos 12,9 milhões de crianças de 6 meses e menores de cinco anos de idade. Campanha dura até 21 de junho

A

Secretaria Municipal da Saúde (SMS) está pronta para o “Dia D”, neste sábado (8), quando inicia a Campanha Nacional de Vacinação Contra a Poliomielite. Os pais devem levar suas crianças a partir de seis meses e menores de cinco anos a qualquer unidade de saúde do município ou ainda em uma dos 60 pontos volantes espalhados pela cidade. Segundo o secretário municipal da Saúde, Jones Martins, a meta do município é vacinar 15921 crianças até o dia 21 de junho. O secretário destacou a importância da campanha para o país nesta época de eventos de massa. “Não há casos de pólio no Brasil desde 1989, mas entre 2011 e 2012, foram registrados casos da doença em 16 países decorrente de importações do vírus. E nos próximos anos receberemos muitos turistas do mundo todo”, lembrou. Garantir erradicação “O objetivo é garantir a não reintrodução da doença em solo brasileiro e manter a certificação mundial da erradicação deste agente infeccioso”, destacou Jones Martins, que revela o caráter de mobilização da campanha, que contará com cerca de 80 voluntários. “Ainda não temos o número exato, mas teremos apoio de voluntários do Resgate, da Ulbra Gravataí, alunos da Escola Dom Feliciano entre outros que estão a confirmar”, destacou. No ano passado, a SMS atingiu a meta do Ministério da Saúde de imunizar 95% das crianças até cinco anos de idade. A vacina contra a pólio não possui nenhuma contraindicação e é totalmente segura e gratuita. Quando for ao posto de vacinação, é importante levar a carteira de vacinação das crianças para atualização das doses aplicadas. Ministério quer avançar O Ministério da Saúde a 34ª Campanha Nacional de Vacinação contra a Poliomielite. Realizada em parceria com as secretarias estaduais e municipais de Saúde, a meta é vacinar 12,2 milhões de crianças entre 6 meses e menores de 5 anos, o que corresponde a 95% da população alvo de 12,9 milhões de

Mutirão Nacional da Cirurgia da Criança Página 2

crianças no país. Para a campanha, estão sendo distribuídas 19,4 milhões de doses da vacina oral nos 115 mil postos abertos em todo o país para a vacinação. Para operacionalização da campanha, o Ministério da Saúde está investindo um total de R$ 32,3 milhões em repasses do Fundo Nacional de Saúde para os estados e municípios, sendo destinados R$ 13,7 milhões para aquisição das vacinas. Ao lançar a campanha, o ministro da Saúde, Alexandre Padilha, destacou o poder de mobilização para a vacina chegar a todas as regiões do país.Cerca de 350 mil pessoas estarão envolvidas na realização da campanha. Serão utilizados 42 mil veículos, entre terrestres, marítimos e fluviais. “Em muitos países, o vírus da paralisia infantil ainda circula, por isso é importante mantermos as nossas crianças protegidas do vírus. A ações do Programa Nacional de Imunizações (PNI), com a ampliação da oferta de vacinas, têm demonstrado a capacidade do Sistema Único de Saúde (SUS) de atingir os grupos alvos dos calendários de vacinação. Isso só reforça o nosso papel de liderar no mundo inteiro a campanha para erradicação da poliomielite”, ressaltou o ministro, lembrando que o PNI completa 40 anos em 2013. No ano passado, foram vacinadas mais

de 14 milhões de crianças, o que representou 99% do público alvo. Desde 2012, o Brasil passou a realizar somente uma etapa exclusiva da Campanha Nacional de Vacinação contra a Poliomielite, no mês de junho. No ano passado, todas as crianças até cinco anos incompletos participavam da campanha. ENTENDA A CAMPANHA – Neste ano, o público alvo a ser vacinado na campanha é a partir dos 6 meses, com a vacina oral (VOP), as chamadas gotinhas. Isso porque as crianças menores de 6 meses já estão sendo vacinadas com a injetável (VIP) nos postos de vacinação. É importante reforçar que os pais não esqueçam de levar a caderneta de vacinação dos filhos para que o profissional de saúde possa avaliar a situação vacinal da criança, considerando o esquema sequencial (quadro abaixo). Os pais devem levar a caderneta de vacinação dos filhos para que o profissional de saúde possa avaliar a situação vacinal da criança, considerando o esquema sequencial (quadro abaixo). “Além da proteção contra a pólio, a campanha contribui para atualização do calendário de vacinação. Caso esteja faltando alguma vacina, os pais podem programar junto com o posto de saúde a melhor data para a criança tomar as doses que estão faltando”, explicou o ministro.

DR LEVI LORENZO MELO

M U L T I - E S P E C I A L I D A D E S

Cirurgia da Obesidade - Cirurgia do Aparelho Digestivo Cirurgia Geral - Cirurgia Videolaparoscópica Endoscopia Digestiva Gastroenterologia - Colonoscopia CREMERS 17112

Casos de alzheimer têm crescido pelo mundo

Página 3

Exame do coração. Qual o mais confiável? Contracapa

DRA. JUCELEI DE FÁTIMA VISIOLI MELO Neurologia Infantil Neuropediatria Eletroencefalograma CREMERS 17399

Gravataí

Rua Adolfo Inácio Barcelos, 568. Gravataí - RS - Telefone/Fax: 51 3042-9400 - Acesse www.millenarium.com.br


2

SAÚDE & CIA

Gravataí, quarta-feira , 05 de junho de 2013

Café e o aumento de peso Um estudo feito na Austrália surpreendeu cientistas ao indicar que o consumo de uma substância encontrada no café pode estar ligado ao aumento de peso. Segundo a pesquisa do Instituto de Pesquisa Médica do Oeste da Austrália e da Universidade do Oeste da Austrália, o consumo diário de ácido clorogênico em quantidades equivalentes às encontradas em mais de seis xícaras de café por dia pode levar a um aumento no acúmulo de gordura nas células. O ácido clorogênico vinha sendo associado à redução do risco de diabetes, de hipertensão arterial e acúmulo de gordura corporal, daí a surpresa dos cientistas. A pesquisa, divulgada na publicação científica Journal of Agricultural and Food Chemistry, procurou analisar como o aumento do consumo de certos compostos encontrados no café poderia melhorar a função cardiovascular. Nela, os estudiosos submeteram camundongos obesos a uma dieta rica em gordura durante 12 semanas. Eles tinham sua dieta diária enriquecida com ácido clorogênico em uma quantidade equivalente à encontrada em seis xícaras de café. A expectativa era de que eles teriam menos resistência à insulina e perderiam peso. No entanto, os resultados sugerem o oposto - que o consumo do ácido não só cria condições para um ganho de peso, como também uma maior intolerância à glicose e um aumento da resistência à insulina. Fígado "(Os camundongos usados na pesquisa) ganharam pelo menos o mesmo peso que camundongos alimentados com comida normal", disse o bioquímico Kevin Croft, da Universidade do Oeste da Austrália, ao jornal The Sydney Morning Herald. "Isso (o ácido clorogênico) também não teve efeito benéfico sobre seus níveis de açúcar e também, um pouco mais preocupante, os camundongos que receberam essa substância do café apresentaram uma tendência a acumular gordura em seus fígados." Os estudiosos estão agora conduzindo testes em 25 pessoas para verificar neles o efeito do ácido clorogênico sobre a saúde vascular e a pressão arterial. Além de no café, o ácido clorogênico também é encontrado em chás e algumas frutas, como ameixas e frutas vermelhas. Em declarações no jornal britânico The Daily Telegraph, Vance Matthews, professor do Instituto de Pesquisa Médica do Oeste da Austrália, destacou que o consumo de café com moderação ainda é considerado seguro. "Aparentemente, os efeitos na saúde dependem da dose", explicou. "O consumo moderado de café, até três ou quatro xícaras por dia, aparentemente diminui a chance de se desenvolver males como doenças cardiovasculares e diabetes tipo 2."

Vinte e quatro de agosto é o dia do VII Mutirão Nacional de Cirurgia da Criança Estão abertas na CIPE as inscrições para hospitais e clínicas de todo o país. Com essa iniciativa a entidade espera minimizar o tempo de espera por cirurgias pediátricas nas instituições de saúde, especialmente as públicas

A

Associação Brasileira de Cirurgia Pediátrica (CIPE) convida a todos os hospitais e clínicas do país a aderir ao VII Mutirão Nacional de Cirurgia da Criança, marcado para o dia 24 de agosto de 2013, um sábado. Mais uma vez a entidade procura sensibilizar a direção dos serviços de cirurgia pediátrica do país visando abreviar o tempo de espera por cirurgias de crianças e adolescentes, sobretudo nos hospitais públicos, que em algumas localidades pode chegar a meses. Em alguns estados, além das deficiências quanto ao número de leitos hospitalares, há carência de cirurgiões pediátricos, com dois ou três, que atuam somente em hospitais da capital. Por sua formação – após obter o diploma universitário, o médico deve realizar especialização de dois anos em cirurgia geral e de mais três em cirurgia pediátrica, para, depois, se submeter a um

exame, de forma a obter o título de especialista em cirurgia pediátrica pela CIPE –, esses profissionais reúnem os requisitos ideais, do ponto de vista técnico, para o atendimento do paciente cirúrgico infantil. Os procedimentos ambulatoriais – para retirada de cistos, cirurgias de hérnia, de fimose e de testículos fora de lugar e de casos mais simples de hipospadia (uma anomalia congênita, em que o orifício uretral masculino se apresenta em local incorreto) – são os mais frequentes nesses mutirões, por serem de curta duração e geralmente não requererem a internação do paciente. Após o procedimento, este permanece, em geral, apenas por algumas horas no hospital, em observação, e recebe alta no mesmo dia. Posteriormente retornará ao serviço para curativos e novas avaliações. Com essa iniciativa, a CIPE procura restabelecer a qualidade de vida dessas

crianças em menor tempo e permitir que também as cirurgias de média e alta complexidade, que exigem internação, possam ser realizadas em prazos menores. Mas, um mutirão dessa natureza não envolve apenas os cirurgiões pediátricos voluntários; requer a adesão de anestesiologistas, enfermeiros, atendentes, do corpo administrativo e o comprometimento da direção do hospital. Além disso, antes da data do mutirão, as crianças e os adolescentes com indicação cirúrgica selecionados deverão passar por consulta e realizar os exames pré-operatórios. Milhares de pacientes beneficiados Desde 2007, quando a CIPE realizou o primeiro mutirão nacional, milhares de crianças foram beneficiadas. Nesse período, o maior número de atendimentos foi registrado na edição de 2010, quando 862 pacientes foram operados em 41 hospitais, distri-

buídos entre 15 estados e o Distrito Federal. A associação está entrando em contato com os hospitais participantes dos eventos anteriores, buscando adesões. Além desses, pretende envolver outros profissionais e unidades hospitalares públicas e privadas, Santas Casas e demais entidades filantrópicas, bem como os órgãos públicos de saúde, cuja colaboração é muito importante para o sucesso dessa iniciativa. A CIPE também espera a ampliação do apoio da iniciativa privada. A doação de medicamentos e material cirúrgico, entre outros itens, para o mutirão é muito bem vinda. Os serviços interessados em aderir ao Mutirão Nacional de Cirurgia da Criança 2013 podem obter mais informações e fazer sua inscrição na CIPE, por meio do email secretaria@ cipe.org.br ou pelo telefone 11 3814-6947, no período da tarde.


Gravataí, quarta-feira , 05 de junho de 2013

3

SAÚDE & CIA

Casos de alzheimer têm crescido pelo mundo A partir dos 65 anos, o risco de ter a doença praticamente duplica a cada cinco anos

D

e repente, a pessoa esquece onde deixou as chaves do carro, o nome de um conhecido, a conversa que teve pela manhã. Com o tempo, esses esquecimentos se tornam mais frequentes e outras funções são comprometidas: a pessoa não lembra o caminho de volta para casa, confunde datas, liga o chuveiro e sai do banheiro, não consegue fazer uma tarefa rotineira. Esses são os primeiros sinais de alzheimer, uma doença que está se tornando cada vez mais comum. De acordo com a OMS (Organização Mundial de Saúde), a doença de alzheimer afete atualmente entre 24 e 37 milhões de pessoas. Esse número está crescendo a cada ano e, segundo estimativas da organização, pode chegar a 115 milhões de pessoas até 2050. No Brasil não existem dados precisos sobre quantas pessoas têm a doença, mas a OMS estima que seja algo em torno de um milhão. O alzheimer é o tipo mais comum de demência, que é a perda ou redução progressiva das capacidades cognitivas – ou seja, do processo que envolve atenção, percepção, memória, raciocínio e linguagem, entre outros. Essa perda ou redução pode ser parcial ou completa, permanente ou momentânea. De qualquer forma, ela pode comprometer essas capacidades cognitivas a pondo de provocar a perda de autonomia da pessoa. Outras demências comuns são a vascular e a com corpos de Lewy. A primeira, como o nome diz, é causada por uma doença vascular encefálica (como um acidente vascular cerebral isquêmico). Já a demência com corpos de Lewy é caracterizada pela

presença de agregados proteicos (os corpos de Lewy) nos neurônios. O alzheimer é uma doença neurodegenerativa, ou seja, que destrói os neurônios progressivamente. Essa degeneração começa no hipocampo, área que processa a memória, e com o tempo se espalha por outras regiões do cérebro. "Existem dois mecanismos por trás da doença: as placas beta-amiloides (também conhecidas como placas senis), que são formadas pelo depósito da proteína beta-amiloide no espaço existente entre os neurônios, e os emaranhados neurofibrilares, que são formados pela proteína tau, que se deposita no interior dos neurônios", explica o geriatra Paulo Canineu, professor da Faculdade de Medicina da PUC São Paulo. O começo das alterações é lento e os primeiros sinais geralmente são confundidos com o próprio envelhecimento. Mas, conforme a doença avança, os sintomas se agravam: começam a surgir dificuldades de linguagem e motoras, problemas para reconhecer familiares ou amigos, alterações no sono e no compor tamento, desorientação no tempo e no espaço. Nos estágios mais avançados, a pessoa tem dificuldade de executar as tarefas mais básicas, como tomar banho, vestir-se e alimentar-se. O risco da idade Ainda não se sabe exatamente qual é a causa do alzheimer, mas se conhecem alguns fatores de risco. E a idade é o maior deles. O mal geralmente afeta pessoas com 65 anos ou mais - atingindo menos de 0,5% das pessoas abaixo de 40 anos. Porém, a par tir dos 65 anos, o risco de desenvolvê-lo praticamente dupli-

ca a cada cinco anos – ou seja, uma pessoa com 70 anos tem o dobro de chance de desenvolver a doença em relação a uma de 65, e assim em diante. As doenças cardiovasculares são outro fator de risco relevante para o desenvolvimento do mal de Alzheimer, já que contribuem para a degeneração dos neurônios. "As doenças cardiovasculares podem aumentar o risco e também acelerar a progressão do alzheimer", afirma o psiquiatra Cássio Bottino, professor do Instituto de Psiquiatria (IPq) do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da USP (FMUSP) e diretor científico da Associação Brasileira de Alzheimer (Abraz). O risco também é mais alto em pessoas que têm história familiar da doença ou de outras demências. "Ainda não sabemos todos os mecanismos genéticos envolvidos, entretanto, quanto mais jovem a pessoa com a doença, maior é a ocorrência dela no seu contexto familiar", explica o psiquiatra Jerson Laks, coordenador do Centro para Doença de Alzheimer e outros transtornos relacionados ao idoso e professor do

Instituto de Psiquiatria da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). Convivendo com a doença Quanto mais cedo a doença for diagnosticada, maior a chance de o tratamento ser bem-sucedido – e do paciente ter uma vida mais longa e com mais qualidade. Por isso, é muito impor tante ficar atento aos primeiros sinais. "Em caso de suspeita da doença, a busca por profissional qualificado que faça o diagnóstico é um determinante no seguimento do quadro e resposta aos tratamentos", afirma a psicóloga Fernanda Gouveia Paulino, presidente da Associação Brasileira de Alzheimer (Abraz). O alzheimer não tem cura, nem pode ser revertido. Mas existem remédios que reduzem a velocidade da sua progressão. "Existem dois tipos de medicamento para tratar o problema, que podem ser usados juntos ou separados: os anticolinesterásicos, que repõem acetilcolina (mediador químico cerebral da memória e aprendizagem) e os antiglutamatérgicos (que diminuem a sobrecarga de

cálcio, reduzindo a mor te dos neurônios)", explica o psiquiatra Orestes Forlenza, professor pesquisador do Laboratório de Neurociências da Faculdade de Medicina da USP (FMUSP). Também é impor tante combinar à terapia medicamentosa tratamentos de reabilitação cognitiva, de atividade física e de orientação nutricional. Aqui entram diversos profissionais como terapeuta ocupacional, fonoaudiólogos, psicólogos, fisioterapeutas, nutricionistas, educadores físicos, assistentes sociais e enfermeiros – dependendo das necessidades de cada paciente – que podem contribuir significativamente para a qualidade de vida do paciente. Com os avanços no tratamento do mal de Alzheimer e as outras terapias de apoio, a sobrevida dos pacientes tem aumentado muito. Hoje, alguém com a doença consegue viver de 15 a 18 anos com ela. "Muitos pacientes, se bem estimulados, têm excelente qualidade de vida, diver tem-se, relacionamse de maneira prazerosa e agradável e levam uma vida bem organizada", afirma Paulino.


4

SAÚDE & CIA

Gravataí, quarta-feira , 05 de junho de 2013

Exame do coração. Qual o mais confiável? Realizamos uma investigação no mundo dos testes cardíacos e descobre que eles, incluindo a popular esteira, não são 100% eficientes. Saiba o que fazer

T

enho 29 anos. No meu último checkup, no final de 2004, os níveis de colesterol e açúcar foram considerados ótimos. O resultado do eletrocardiograma deu tudo azul. Mas uma dor no antebraço esquerdo, um dos sinais que denunciam encrencas à vista no peito, fez meu cardiologista pedir o famoso teste de esforço físico na esteira. Além disso, pelo que me recordo, indicou a cintilografia, aquele exame em que os especialistas injetam no corpo um material radioativo para, com o auxílio de um aparelho chamado gama-câmara, flagrar algum problema de irrigação na intrincada rede de vasos por onde o sangue circula no organismo. Não, não me tache de hipocondríaco, caro leitor. Meu médico também não pecou pelo excesso de zelo. Sou jovem, por tanto estou fora do grupo mais sujeito a problemas cardíacos, homens na faixa dos 45 anos em diante. No entanto, meu histórico familiar não me abona. Sou filho de diabéticos e, como você já deve ter lido várias vezes aqui no Saúde e Cia, o diabete anda lado a lado com os males do coração. Além disso, meu velho já teve um princípio de infarto. E, naquela época, meu peso estava bem acima do normal. Então... No final das contas, a dor parou de me incomodar. O tempo correu e, em meio à apuração de uma reportagem aqui e de outra acolá, acabei protelando os exames. Eles quase foram deletados da minha cabeça. Quase. Ao passar os olhos pelo programa do último congresso do American College of Cardiology, que aconteceu em março em Orlando, nos Estados Unidos, vi que um dos destaques era justamente um estudo sobre a eficácia da popular esteira para identificar o risco de problemas cardiovasculares em mulheres. Fiquei pasmo. Descobri que a esteira não passou inteiramente no teste. A pesquisa realizada no Hospital Hartford, em Connecticut, nos Estados Unidos, concluiu que, além da esteira, mulheres com risco intermediário e alto para intempéries cardiovasculares deveriam ser submetidas também à cintilografia para ter uma previsão mais exata de tempo ruim no universo das artérias. Em outras palavras, um único teste, isoladamente, muitas vezes não é suficiente. Diante desse panorama, pintou a dúvida: dá para prever pra valer os problemas cardíacos? "Essa é a pergunta do momento", me disse sem pestanejar o cardiologista Ibraim Pinto, na sua sala no setor de angioplastia do Instituto de Cardiologia Dante Pazzanese, em São Paulo. "O que a gente pode fazer para melhorar a capacidade de predizer o risco de ficar doente?", indaga em tom de eis a questão. "Até mesmo porque nunca vamos chegar a 100% de precisão", completa seu colega Antonio de Pádua Mansur, do Instituto do Coração, também na capital paulista. "Não existe 100% em biologia", deixa claro.

Um novo olhar A preocupação de flagrar os males com antecedência faz sentido nos tempos modernos, em que a Medicina adota, cada vez mais, uma abordagem voltada para a qualidade de vida. Não é tão distante a época em que os especialistas se concentravam em saber se a gente estava doente e, caso o diagnóstico confirmasse a moléstia, examinar o grau das eventuais seqüelas. "Hoje procuramos identificar quem corre risco de sofrer algum problema para barrálo ou, pelo menos, diagnosticá-lo antes que provoque muitos estragos e prejudique o dia-a-dia do paciente", diz Ibraim Pinto, resumindo a nova onda. Nesse sentido, antes de mandar alguém suar a camisa na esteira, um bom médico procura traçar o perfil daquele indivíduo na sua frente, em busca de uma luz. Foi o que meu cardiologista fez. É o que se chama de personalizar a avaliação. Quem veste o jaleco branco hoje em dia valoriza ou deveria valorizar o olho no olho e o bate-papo para obter o maior número de informações sobre aquele cidadão, incluindo o histórico familiar. E só aí indicar exames. Sim, mesmo quando se trata do coração não há receita-padrão. Depois do eletrocardiograma, o teste que avalia a atividade elétrica no músculo cardíaco em determinado instante teste que é facilmente encontrado e realizado nos consultórios dos cardiologistas , a esteira é de fato a primeiríssima opção, especialmente para o pessoal mais jovem, sem nenhum mal aparente. "Ela é como um eletro de esforço", compara o cardiologista Marcelo Bertolami, também do Dante Pazzanese. "Ao contrário do eletrocardiograma, que é feito em repouso, a esteira exige do peito e mostra a probabilidade de problemas com mais acuidade." O corre-corre em cima daquela parafernália, com aquele monte de eletrodos colados no corpo, tem o objetivo de fazer o coração trabalhar na sua capacidade máxima para, daí, detectar algum distúrbio. O problema do teste ergométrico, outra alcunha que as passadas na esteira recebem, é que ele tem uma eficácia de cerca de 75%. Feitas as contas, 25%, ou um quarto, das más notícias podem passar batido. E vamos ser claros: a esteira só acusa alterações nas coronárias se as placas por trás da desordem estiverem entupindo 60% do diâmetro dessas artérias. "E a imensa maioria dos infar tos acontece devido a obstruções de 20% a 30%", diz Marcelo Ber tolami. Essa história não acaba por aqui. A popular esteira ainda é responsável por vários casos de falso positivo, algo comum em mulheres e um fato ainda não inteiramente explicado pela ciência. "A gente só sabe, por enquanto, que a sensibilidade do teste, nelas, é baixa", diz o cardiologista Luiz Francisco Cardoso, do Hospital Sírio Libanês, em São Paulo. Diante desse quadro, busquei mais informações.

É por aquelas dúvidas e outras que os médicos, além da suadeira na esteira, podem indicar a cintilografia, que em geral tem alguns estágios. No primeiro a gente fica de repouso, cheio de eletrodos. A segunda fase da cintilografia vem acompanhada de suor, muito suor: corre-se novamente sobre a esteira para o baticum do coração trabalhar o máximo que puder. Nessa hora, injeta-se no sangue um marcador radioativo que tem predileção por uma proteína com afinidades pelas bandas cardíacas. Aí, há uma elevação do aumento do fluxo sangüíneo e, de quebra, as artérias coronárias precisam se distender a toda para que oxigênio e nutrientes alcancem o coração. Se houver alguma placa no caminho do sangue, o exame vai, por meio de um aparelho que capta a radiação do marcador, o gama-câmara, mostrar se determinada região cardíaca não está sendo devidamente irrigada. No caso, seu médico pode completar o procedimento com um cateterismo, que, por meio de uma sonda introduzida por uma artéria da perna até a aorta no peito, tira a prova dos nove. Nenhum exame é perfeito. A cintilografia, apesar de ter uma eficácia de 90%, também só costuma revelar placas que interrompem 60% das coronárias. Sem falar que não é capaz de identificar a hipertrofia de alguma área do músculo cardíaco, situação que pode acometer os hipertensos. "A própria pele pode impedir uma captação correta dos raios gama, como no caso de mulheres com mamas muito volumosas", diz Ibraim Pinto. Para essa e outras situações, os especialistas devem se valer de alternativas. As ondas do ultra-som do coração, por exemplo, exibem imagens em tempo real da anatomia do órgão. Trata-se de uma ferramenta a mais para descobrir se o músculo cardíaco está funcionando numa boa ou aos trancos e barrancos. Por falar em ondas sonoras, um outro teste que está entrando na rotina dos checkups é o ultra-som da artéria carótida, que se localiza no pescoço. Ela é um ótimo tira-teima para checar a quantas

anda o processo de formação de placas de gordura no organismo, a cada vez mais freqüente aterosclerose. O exame avalia a espessura da carótida. "As paredes desse vaso começam a se alterar antes mesmo de a placa se formar ali", conta Marcelo Ber tolami. Por tanto, transforma-se em uma forma de realizar uma checagem indireta da existência das benditas placas nas coronárias. Isso porque o mexe-remexe do coração não permite que o ecocardiograma consiga enxergá-las. Átomos estimulados Pendências não esclarecidas pelo ecocardiograma podem ser verificadas pela ressonância magnética. Por meio de um campo magnético potente, ela estimula átomos do hidrogênio das moléculas do corpo, dando um retrato falado das estruturas ou tecidos às quais elas estão ligadas. Dá para ver o tamanho exato do estrago de um infarto. Além de placas de gordura, os médicos me explicaram que, no interior das nossas artérias, também ocorrem calcificações. Esses depósitos de cálcio são na verdade uma maneira de o organismo fazer um reparo nos machucados detonados nas paredes arteriais durante a evolução da aterosclerose. As calcificações podem obstruir a passagem do sangue e, dependendo do seu grau, revelam a progressão das placas de gordura. Um método pra lá de eficiente (92%) para denunciá-las é a tomografia computadorizada. Consiste num tubo que gira ao redor do paciente duas ou três vezes por segundo, liberando raio X em 64 fileiras de detectores que cobrem seu corpo. O resultado são imagens congeladas dos movimentos do coração. Aí, tem-se uma visão interna de seus vasos, com calcificações e afins. Saí das conversas com os médicos convencido de que os exames têm muito a evoluir, mas, mesmo imperfeitos, são de grande valia. Não deixarei de marcar meu teste ergométrico.

ANO 9 - EDIÇÃO 1726ª - DIÁRIO - QUARTA - FEIRA, 05 DE JUNHO DE 2013 - R$ 1,00  

ANO 9 - EDIÇÃO 1726ª - DIÁRIO - QUARTA - FEIRA, 05 DE JUNHO DE 2013 - R$ 1,00

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you