Issuu on Google+

► PREVENÇÃO

Boate Kiss nunca mais...

Na onda da tragédia que matou 241 pessoas na danceteria de Santa Maria, a Câmara de Vereadores aprova projeto que pode dar a Gravataí uma das mais modernas legislações de prevenção e combate a incêndio em locais de grande aglomeração de público. Só falta ser sancionado pelo prefeito Marco Alba Pág. 5

ANO 9 - EDIÇÃO 1676ª - DIÁRIO - QUINTA-FEIRA, 04 DE ABRIL DE 2013 - R$ 1,00 Circulação nos municípios de Gravataí, Cachoeirinha, Glorinha e Santo Antônio da Patrulha

► ECONOMIA

Ammann inaugura fábrica de R$ 23 milhões na cidade Foto: CLÁUDIO OLIVEIRA/jg

► ENQUETE JG

O que você acha da lei que exige banheiros e bebedouros nos bancos?

Pág. 3

► NOVO SISTEMA

Contribuinte pode pagar impostos municipais pela Internet

Pág. 7 ► PARCERIA

Pág. 6

Convênio com Centro Social Marista será reforçado

Pág. 11


Opinião/Serviços

Gravataí, 04/04/2013 - Pág. 2

Análise do leitor

LOTERIAS QUINA - Conc. 3159 - 03/04/13 08 - 40 - 52 - 67 - 70

AS GRAVATADAS

LOTOFÁCIL - Conc. 875 - 03/04/13

Por Edenir Raupp Professora Nesse dia 2, o prefeito desta cidade sancionou a lei que obriga os bancos a instalarem banheiros e bebedouros, em suas dependências, para os clientes. Essa lei de autoria do vereador Clebes Mendes, que exige que haja banheiros masculinos e femininos, inclusive com acessibilidade para cadeirantes, nos faz pensar se é para amenizar a situação, devido às grandes filas e ao tempo de espera, ou para realmente ajudar as pessoas, em especial as idosas, que não conseguem controlar suas necessidades fisiológicas. As reclamações pela demora nas filas de algumas agências bancárias, em especial nas públicas, são de longa data. Não é de hoje que reclamamos por isso. Muitas cidades, cuja “Lei da Fila” determina o tempo máximo de espera, sendo 15 minutos em dias normais e 20 minutos em vésperas de feriados, essa lei não é cumprida. Alguns bancos adotam o ticket numerado, com horário de entrada, para que o cliente possa acompanhar o tempo de atendimento. Outros bancos que também adotam o mesmo sistema, geralmente estão com os equipamentos “com defeitos”, pois sabem que se o cliente for exigir seus direitos, o controle de entrada será seu comprovante. Esperar de pé cansa, por isso algumas agências bancárias disponibilizam poltronas para que o cliente possa esperar por um atendimento. Outras redes bancárias pouco se preocupam se o cliente precisa de algum atendimento, pois sabem que o sujeito não tem outra saída, a não ser esperar sua vez. Quando quem espera é uma pessoa idosa, com problemas de saúde, a situação é mais crítica. A cidade não disponibiliza de banheiros públicos próximos à rede bancária; os comércios não gostam de ceder seu banheiro se o cliente não estiver em compras, mesmo assim o fazem com má vontade. Nem todos conseguem controlar suas necessidades fisiológicas, pois quando se trata de idosos, geralmente são pessoas que fazem uso de medicações para o coração, como diuréticos, o que faz com que elas não possam esperar. Essa lei veio para ajudar os clientes? Esperamos que sim, pois se for apenas mais uma lei para constar no currículo de vereadores e prefeito, não tem efeito para os contribuintes, visto que o cliente precisa de um atendimento tão decente quanto de um copo d’água! Diz um velho ditado que o povo brasileiro adora uma fila. Acontece que, mesmo que não goste, infelizmente não há muita escolha... Na notícia, não mencionam prazos para execução, mas esperamos que as exigências para a construção desses banheiros e a instalação de bebedouros sejam para breve. Além disso, precisamos de uma eficiente fiscalização, quanto ao tempo de atendimento do cliente; para que não seja feita somente através de denúncias no Procon, mas mediante vistorias de rotina, por órgãos responsáveis. Que nossos vereadores também possam pensar em um meio urgente de cobrarem melhorias em relação à demora no tempo de atendimento.

Registro nº 39987 do Livro A-4 Filiado à ADJORI

Representante Comercial: (51) 3272-9595

jornaldegravatai@terra.com.br jornaldegravatai@gmail.com

Publicação da Empresa Gráfica Jornal 2M Ltda. CNPJ nº 03.851.285/0001-62 Tiragem – 8.000 exemplares Diretor geral: Moacir Oliveira Menezes Diretor administrativo: Gabriel Diedrich Departamento comercial: Adilson Mendes Redação: Katterina Zandonai e Claudio Oliveira Diagramação: Giulliano Pacheco Colaboradores: Iara Maurente e Edenir Raupp Avenida Dorival Cândido Luz de Oliveira, nº 6125 - Pda. 64 CEP 94.060-001 - Gravataí - RS - Brasil Telefones: (51) 3423.1792 - 3421.3381 Os textos assinados são de responsabilidade de seus autores.

01 - 03 - 06 - 11 - 12 13 - 14 - 16 - 17 - 18 19 - 20 - 21 - 22 - 24 LOTERIA FEDERAL - Conc. 4750 - 03/04/13

1º 12.834 2º 66.774 3º 52.849 4º 07.566 5º 87.309

PREVISÃO DO TEMPO QUINTA-FEIRA - Mín. 19° Máx. 29°

Envie sua sugestão de charges para o e-mail: mmgravatadas@hotmail.com

Períodos de nublado, com chuva a qualquer hora.

Imagem que envergonha Realmente é uma vergonha para a nossa cidade, usuários dos transportes coletivos esperam o ônibus ao relento todas as manhãs na ERS-020, parada 64, uma das mais movimentadas desta rodovia. No local simplesmente não existe abrigo. Até quando veremos cenas como esta? Voltaremos...

Procuram-se engenheiros Por Patrícia Quintas* O problema da falta de mão de obra qualificada no Brasil não é só uma questão da área de educação, mas também já pode ser considerado um dos principais obstáculos ao desenvolvimento do País. Enquanto nações em desenvolvimento, como a China, vêm buscando aprimorar questões relacionadas ao conhecimento, aprendizado, cultura, inovação e tecnologia, nosso País ainda sofre para aprimorar seu potencial nesses segmentos. Uma das áreas do conhecimento que encabeça a lista de deficiências é a das Engenharias. A profissão de engenheiro está entre aquelas que registram os mais graves problemas. Segundo o Instituto de Engenharia, entidade que representa a categoria no Brasil, o déficit atual é de 800 mil engenheiros. O número de profissionais disponíveis no mercado e, principalmente, qualificados não acompanha o de projetos nas variadas áreas de atividade, previstos para serem desenvolvidos por aqui. São oportunidades geradas pela retomada do crescimento e modernização da economia que turbinaram o mercado de trabalho. Nesse sentido, é preciso contar com mão de obra necessária para tocar projetos em infraestrutura (estradas, aeroportos, portos,

saneamento básico...), telecomunicações, produção, construção civil, siderurgia, indústria naval, eletroeletrônica, metalurgia, automação, petroquímica e de setores que estão em destaque, como os da cadeia de petróleo, gás e biocombustíveis, além, é claro, das demandas do setor mineral que impulsionam a engenharia de minas, e outros, como a engenharia de alimentos ou mecatrônica, que estão diretamente ligadas às demandas de inovações tecnológicas. Os cerca de 40 mil engenheiros formados anualmente no Brasil não serão suficientes para atender à demanda de 300 mil profissionais da área necessários para obras e outros investimentos previstos para os próximos cinco anos, como os relacionados à Copa do Mundo de Futebol, às Olimpíadas, ao PAC do Governo Federal e à exploração de petróleo e gás da província do pré-sal. Para colocar todos esses projetos em prática, o país precisa mais que dobrar o atual número de engenheiros formados para garantir o seu crescimento econômico e obter o mínimo de competitividade no cenário internacional. Pior mesmo é perceber que, se de um lado a falta de profissionais é um grave problema, o que dizer da muitas vezes precária qualificação de alguns deles. Estamos

falando de profissionais que estão entre os responsáveis diretos pelo crescimento econômico do País. Neste caso, dispor de qualidade de formação é mais do que fundamental, além, é claro, de ser essencial que os engenheiros demonstrem habilidades relacionadas à liderança, capacidade para a solução de problemas, espírito de equipe, iniciativa e disposição para aprender, sempre. Facilidade de comunicação, vontade de crescer nas empresas e facilidade de adaptação a situações novas também contam pontos. O ganho médio inicial da categoria gira em torno de R$ 5.500 ao mês, com grandes perspectivas de aumento para os próximos anos. Este é um cenário bastante diferente daquele visto há 30 anos. Mas, de acordo com o governo e entidades privadas, a “fábrica de engenheiros” estará operando a pleno vapor em até cinco anos, estabilizando a relação entre oferta e demanda. Porém, no curto prazo, a carência de engenheiros no Brasil tem intensificado o debate sobre a importação de profissionais. A carência de pessoal é tão grande que, de acordo com dados da área de International Executive Services da KPMG no Brasil, a categoria que prevalece entre os profissionais “importados” é mesmo a dos engenheiros. Além

de algumas dificuldades econômicas, enfrentadas especialmente por profissionais de países da União Europeia ou de países vizinhos, muitos desses estrangeiros estão de olho na remuneração oferecida pelas empresas instaladas no Brasil, após um boom de reajustes entre 2008 e 2010. Mesmo assim, importar mão de obra é considerado um paliativo, já que há barreiras como a língua, burocracias no processo de concessão de vistos de trabalho e o possível e compreensível interesse pela retomada profissional no país de origem. É interessante perceber, também, que em países como China e Índia sobram engenheiros, mas muitas vezes a barreira do idioma é um empecilho à migração. Acreditamos que a luz amarela está acesa, e é preciso que, tanto o governo, como as empresas que demandam profissionais das Engenharias se unam para viabilizar recursos e estrutura que permita a oferta de uma educação mais forte e sólida, que garantam no futuro não só novos, mas bons profissionais para atuarem como engenheiros, certamente uma profissão de futuro no Brasil. *Patrícia Quintas é sócia-líder da área de International Executive Services da KPMG no Brasil.


Comunidade

enquete JG Via página do Jornal de Gravataí no Facebook

O que você acha da lei que exige banheiros e bebedouros nos bancos? “Acho que eles tem que se preocuparem de atender o cliente rapidamente, no tempo estipulado por lei”. Sirlei Freitas

“É bom porque tem dias que quaramos nas filas dos bancos”. Silviarosangela Rosenhaim

“Maravilhoso... Até que enfim fizeram alguma coisa de bom, visto que os bancos são frequentados por idosos, crianças, gestantes que não podem esperar para ir a um banheiro... Não podem esperar para chegar em casa”. Maria De Lourdes Santos

“Acho excelente! É o mínimo que os bancos têm que oferecer aos clientes, levando em conta todas as taxas absurdas que pagamos. Penso ainda que todos os bancos deveriam trabalhar através de senhas nos caixas e o cliente teria que esperar sentado pelo atendimento, como é feito na Caixa e BB, além é claro, de atender o cliente rapidamente e com gentileza”. Danuza E Maicon Silva

“Acho que eles devem atender os clientes com maior rapidez. Desta forma não seria preciso o uso de banheiro... Do jeito que vai, chegará o dia que terá camas? Bom, pra fila do SUS temos que levar camas ou cadeiras”. Loiva Neves Leal

“Achei ótimo, pois as pessoas precisam ter acesso rápido no caso de o banco estar muito lotado. Não tem como sair da agência para procurar um banheiro público ou buscar um pouco de água”. Fernanda Barth

“Acho ótimo, mas acho que deve ser estendido aos prédios públicos, onde se espera muito mais por atendimento que nos bancos. Nos bancos, o tempo máximo de espera por lei municipal é de 30 minutos. Se o município fiscalizasse a espera seria bem menor”. Renilda Ramos Ferreira

“Acho necessário e já deveria ter virado lei isso. Aonde há uma aglomeração de pessoas de todas as idades é uma falta de respeito não terem acesso a banheiros e a uma água quando bate a vontade, depois de tanto esperar nas filas. Serviço público sem banheiros não há o que se discutir. Falta de respeito com os clientes!”. Elci Campos

“Acho uma excelente ideia! Todo lugar público deveria ter à disposição de seus clientes, principalmente sanitários. Às vezes você pode ficar apenas cinco minutos dentro de uma agência e necessitar utilizar o WC. Há pessoas com problemas renais que não podem por hipótese alguma segurar suas necessidades humanas. Resta a fiscalização em lanchonetes, lojas de grande circulação, que sempre contam a mesma mentira aos clientes: O banheiro está estragado ou é só para uso de funcionários”. Stella Kunrath “E precisa criar lei para isso? Os bancos já deveriam oferecer este tipo de serviço aos seus clientes, até mesmo como forma de contrapartida. Ganham tanto dinheiro em cima dos correntistas que os mesmos deveriam contar pelo menos com banheiros, e limpos de preferência. Umberto PCaletti

Gravataí, 04/04/2013 - Pág. 3

Essa é uma coluna do povo para criticar elogiar e botar a boca no trombone sobre aquilo que os leitores entenderem por certo ou errado. Entre em contato com a redação, pelo telefone (51) 3421.3381 ou mande seu e-mail para jornaldegravatai@terra.com.br. Junto mande seu nome, telefone e endereço.

A carta do Vladimir... Como o Silva prometeu ao leitor Vladimir Machado, hoje serão publicadas as outras cinco notas da “carta” que ele enviou para a coluna. Acompanhe a seguir: Terceirizados “Sou favorável à terceirização de certos serviços prestados pela prefeitura. Só assim não gera vínculo empregatício a longo prazo por parte dos futuros funcionários municipais, não onerando daqui a alguns anos o IPAG e outros salários de aposentadoria. A rotação de dinheiro fica igual a meu ver. Os terceirizados também recebem salário”. Cansado de blá-blá-blá “Estou cansado de blá-blá-blá e os governantes esquecem que Gravataí não é só o Centro, o Parcão, e nem ligam para as condições do lado da RS-020, que para minha tristeza cresceu e muito em termos de população, mas não em aplicação dos recursos e bem estar do povo do lado de cá. Te liga senhor prefeito, olha quantos pontos de ônibus estão em péssimas condições e nem existem. Como na 63 perto do Traffo, onde muitas pessoas esperam seus coletivos ao relento, pois nem abrigo tem lá, e quando tem é só um poste com um toldo de 1x1m. Por que na querida Dorival todos tem banquinho e tal? Já é descriminação. Por que o Parcão tá sempre limpinho e as praças no meu bairro estão puro mato? Por que estão demorando em falar de duplicação da RS-020? Por que não moram por lá? Também não sabem que aquela via está extrapolando de carros? Pega um domingo por volta das 19h para ver o que é bom...”. Sinaleiras “Aprecio a preocupação no trânsito das autoridades, mas às vezes eles fazem as coisas por fazer. Aquelas sinaleiras colocadas na descida da Dorival, na parada 60, cada uma funciona como o pedestre quer. E os carros que se danem. Já não basta a tranqueira natural dos veículos agora tem as que o pedestre faz. Por que não colocam os sinais sincronizados para que todos parem ao mesmo tempo e não ao gosto do pedestre, fazendo um para e arranca de carros que atrapalha o trânsito ao invés de ajudar?”. Neópolis “Na rua Amazonas, Neópolis, um sítio perto da escola municipal, tem sua calçada constantemente suja de mato e vez por outra o proprietário dá uma limpada, mas raramente. As pessoas e principalmente as crianças, tem que andar pela rua, passando por ônibus da Transcal, carros. Cadê a prefeitura que não fiscaliza as calçadas? Arruma e depois cobra do proprietário se for o caso, no IPTU é claro?”. Fumódromos... “Ainda falta por parte da Brigada Militar um patrulhamento maior naquelas áreas da Estrada Pauluzzi, Rosa Maria, Neópolis, Garcês, muitos consumidores de drogas tem frequentado estes lugares, os fumódromos, e temos que fazer vistas pois não tem patrulhamento ostensivo. Que tal colocarem um posto policial para estes bairros? A polícia da Morada do Vale já tem muito trabalho por lá e não sobra tempo para eles aparecerem por aqui. Digo, pois geralmente são eles que atendem estes bairros. Agradeço o tempo em ler minhas considerações e se possível aproveitá-las para ajudar o povo de nossa Gravataí e te digo que independente do governo, eu quero o melhor para a população pois político e politicagem a gente conhece faz tempo e quem se lasca entre o mar e o rochedo é sempre o marisco”. Recado dado Vladimir.

Senha do dia:

“Não é que estão mandando o guri rachar uma lenha?...”


Opiniăo

Gravataí, 04/04/2013 - Pág. 4

Sessão solene A Câmara de Vereadores homenageia, no próximo dia 9, a Associação de Pastores Ágape. A sessão solene será realizada no plenário do poder Legislativo a partir das 19h30.

e-mail:gabriel.diedrich@jornaldegravatai.com.br - Fone: 3421.3381

Prefeito recebe Liga de Gincanas A diretoria da Liga Independente das Equipes de Gincanas de Gravataí (LIEGG), liderada pelo presidente Lucas Ávila, esteve reunida ontem com o prefeito Marco Alba. O encontro teve como objetivo fixar uma parceria com a Prefeitura para realização da 5ª Gincataí, nos dias 8, 9 e 10 de novembro. Segundo o presidente da LIEGG, em sete anos, esta foi a primeira vez que representantes da Liga se reuniram com o prefeito. — Queremos uma aproximação maior da prefeitura com a gincana, inclusive com apoio das secretarias municipais. Atualmente, temos sete equipes participando da nossa gincana, que é a maior do Estado. Ao todo, são 20 anos ininterruptos de competição na cidade — destacou. A proposta da Gincataí é ser uma grande atração cultural para o Município, pois mobiliza inúmeras pessoas, além de movimentar financeiramente o comércio e serviços da cidade antes, durante e depois da realização do evento. Cerca de duas mil pessoas participam diretamente da gincana, a maioria jovens entre 15 e 25 anos. Também estiveram presentes no encontro a presidente da Fundação de Arte e Cultura (Fundar), Fernanda Batista de Fraga, o diretor administrativo e financeiro da Secretaria Municipal de Educação (SMED), Paulo Garcia, a chefe de gabinete, Sônia Oliveira, e o vereador Alan Vieira.

Câmara aprova nova medida de combate a incêndio A Câmara de Vereadores aprovou, na sessão plenária de terçafeira, o projeto de lei nº 07/2013, de autoria do vereador Carlito Nicolait (PT), que dispõe sobre a implantação de uma unidade de combate a incêndio e primeiros socorros, composta por corpo de bombeiro civil, nos estabelecimentos com grande concentração de pessoas. Aguardando ainda a sanção do prefeito municipal para a sua aplicação, a legislação de-

termina que shopping centers, casas de shows e espetáculos, hipermercados, grande lojas, campus universitário, empresas de grande porte (área superior a três

mil metros quadrados) ou estabelecimentos com grande concentração de pessoas (superior a três mil), mantenham, em cada turno de trabalho, dois bombeiros ci-

vis de nível básico, um bombeiro civil líder e um bombeiro mestre. O grupo deverá contar com pelo menos uma máscara autônoma (PA 54), material de corte, equipamentos de proteção individual, kit completo de primeiros socorros e detector móvel de gás liquefeito de petróleo. A medida, segundo o vereador, contribui na adequação da legislação federal e é um avanço na política de prevenção e segurança de acidentes.

Criada nova Frente Parlamentar Outro projeto de lei aprovado pela Câmara de Vereadores, na última sessão, foi o de número 08, que institui a Frente Parlamentar em Defesa das Micro, Pequenas e Médias Empresas (MP-

MEs) no município de Gravataí, de autoria do vereador Alemão da Kipão (PT). A Frente tem caráter suprapartidário, sendo composta por no mínimo três vereadores e pelo presidente da

Mesa Diretora da Câmara, tendo o prazo de 60 dias para sua organização e encerramento das suas atividades após a constituição da comissão permanente. O objetivo é desen-

volver políticas e implementar ações que proporcionem soluções às MPMEs, para o seu fortalecimento e ampliação da capacidade de inserção no mercado, de forma competitiva.

Mulher no comando Durante a sessão da Câmara de Vereadores realizada na terça-feira, a vereadora Maribel Wagner (PCdoB), segunda secretária da Mesa, presidiu parcialmente a sessão, no momento em que o vereador Evandro Soares (DEM), primeiro secretário no exercício da presidência na ocasião, fez uso da tribuna para falar sobre o Dia Mundial de Conscientização do Autismo, destacando e parabenizando a parlamentar pela iniciativa da Lei Municipal 001/2013, que instituiu no município de Gravataí o dia 2 de abril como o

dia de conscientização da causa, além de outros benefícios previstos na lei. Dia do Autismo Em comemoração ao Dia Mundial da Conscientização do Autismo, a vereadora Maribel esteve no Parcão e na Praça do Quiosque levando informações e cartilhas sobre o Autismo. A parlamentar esclareceu que a lei de sua autoria e sancionada pelo prefeito estabelece no Município o Dia do Autismo, buscando tornar público os sintomas, tratamento e formas de inclusão social

Vereadora Maribel foi às ruas falar sobre autismo

dos portadores de espectro autista. — Contamos com a colaboração de toda sociedade, para que contribua

com sugestões para elaborarmos juntos as políticas públicas municipais, em benefício das pessoas portadoras de autismo.

Chevrolet na liderança A Chevrolet encerrou o primeiro trimestre de 2013 na liderança do setor automotivo no RS com 10.498 unidades vendidas no período, o que representa 19,2% de participação no mercado gaúcho. Somente no mês de março foram 3.817 carros vendidos Entre outros fatores, os números e a liderança são impulsionados pelo sucesso do Chevrolet Onix, modelo fabricado em Gravataí e que desde seu lançamento, em outubro passado, já atingiu a marca de 57 mil unidades produzidas, figurando sempre entre os dez carros mais vendidos no País e sendo o modelo mais vendido da marca atualmente.

Falta de professores O vereador Paulo Silveira esteve na terça-feira visitando a Escola Nossa Senhora Aparecida, na parada 64, representando a Comissão da Criança e do Adolescente da Câmara, para averiguar as condições de ensino do local. Em conversa com a diretoria da escola, foi possível constatar a carência de professores e monitores da área de inclusão. Segundo o parlamentar, as escolas do Município carecem destes profissionais. — As crianças necessitam e merecem os devidos cuidados, e é por isso que estamos trabalhando diariamente para exercer os direitos e trazer mais qualidade de ensino a estas crianças.

OAB denuncia caos na Justiça A OAB do RS anunciou ontem que “diante do caos instalado na Comarca de Gravataí, o presidente da OAB/RS, Marcelo Bertoluci, cobrará medidas emergenciais”. A OAB informou que atualmente nas Varas da cidade existe falta de servidores para a demanda processual e também estrutura precária para os mais de 20 mil processos acumulados. Gabinete do Prefeito

Vereador Paulo Silveira vistoriou escola


Gravataí, 04/04/2013 - Pág. 5

Geral

Para que não aconteça aqui o que aconteceu em Santa Maria...

Limpeza em vários pontos da cidade

À sombra da tragédia que matou 241 pessoas na Boate Kiss, Gravataí pode ganhar uma das mais modernas leis de prevenção contra incêndios

A

morte de 241 pessoas na Boate Kiss, em Santa Maria, em 27 de janeiro é a maior tragédia do século no estado. À sombra dela nasceu o debate que pode dotar Gravataí com uma das melhores e mais modernas legislações de prevenção e combate a incêndio do País. A Câmara de Vereadores aprovou na última terça-feira, o projeto 07/2013, de autoria do vereador Carlito Nicolait (PT), que dispõe sobre a implantação de uma unidade de combate a incêndio e primeiros socorros, composta por Corpo de Bombeiros civil, nos estabelecimentos com grande concentração de pessoas. Para que se torne aplicável, ainda é necessária a sanção do prefeito Marco Alba. Exigências A nova legislação determina uma série de exigências para que seja liberado alvará para estabelecimentos com grandes aglomerações de pessoas. Na lista estão shopping centers, casas de shows

Fotos: Secom/PMG

Casas noturnas foram fechadas até corrigirem irregularidades

e espetáculos, hipermercados, grande lojas, campus universitários, empresas de grande porte (área superior a três mil metros quadrados) ou estabelecimentos que concentrem público superior a três mil pessoas. Bombeiros Estes estabelecimentos devem manter em cada turno de trabalho, dois bombeiros civis de nível bá-

Restaurantes também estão sendo vistoriados pela força-tarefa

sico, um bombeiro civil líder e um bombeiro mestre. O grupo deverá contar com pelo menos uma máscara autônoma (PA 54), material de corte, equipamentos de proteção individual, kit completo de primeiros socorros e detector móvel de gás liquefeito de petróleo. A medida, segundo o vereador, contribui na adequação da legislação federal e é um avanço na política de prevenção e segurança de acidentes. Fiscalização A tragédia de Santa Maria também deflagrou uma série de ações de fiscalização de casas noturnas, bares e restaurantes de Gravataí por parte do poder público. Desde o início de fevereiro, a força tarefa integrada pelas secretarias municipais de Desenvolvimento Urbano (Sedur), de Desenvolvimento Econômico e Turismo (Smedt), da Fundação Municipal de Meio Ambiente (FMMA), mais o Corpo de

Bombeiros, vem vistoriando os estabelecimentos do gênero na cidade. Vários foram fechados por não terem o Plano de Prevenção e Combate a Incêndio (PPCI) ou os alvarás sanitário e de funcionamento em dia. Ontem, o secretário municipal do Desenvolvimento Econômico e Turismo, Rafael Evaldt disse a força-tarefa continuará seu trabalho de fiscalização e vistoria até que todos os estabelecimentos sejam visitados. Ele também informou sobre a instrução normativa em vigor na pasta, que não concede mais nenhum alvará sem que a empresa tenha passado pela vistoria do Corpo de Bombeiros. – Estamos preparados para dar toda a informação e fazer os encaminhamentos necessários para as empresas que desejam se estabelecer na cidade. Recomendamos que nos façam uma visita antes de definir o empreendimento – destacou Evaldt.

Uso de fogos em locais fechados também é proibido A cidade também ganhou um novo instrumentos legal no campo preventivo após a tragédia da Kiss. No último dia 15, o prefeito Marco Alba homologou a Lei 3.304/2013, de autoria do vereador Alex Tavares (PMDB), que proíbe o uso de artigos pirotécnicos, sinalizadores, fogos indoor e similares, em shows de boates, casas noturnas, casas de festas, restaurantes, ginásios e bares. As sanções ao descumprimento da lei serão detalhadas em decreto a ser editado pelo

Executivo. A partir do acidente na boate Kiss, em Santa Maria, o vereador comenta que se preocupou em fazer com que o município tenha regras claras quanto ao manuseio desse tipo de material. – Muito importante a iniciativa do vereador Alex Tavares, porque estabelece regramento formal para o uso desse tipo de material, já que a cidade tem um grande número de casas ou estabelecimentos que operam nesse mercado – reiterou o prefeito Marco Alba.

Lei de autoria do vereador Alex Tavares foi sancionada pelo prefeito

Com o objetivo de manter a cidade limpa e organizada, a Secretaria Municipal de Serviços Urbanos (SMSU) seguiu o cronograma semanal de trabalhos voltados à manutenção, conservação e embelezamento de espaços públicos. Na segunda-feira (1º), entre os locais atendidos esteve a Praça Borges de Medeiros, em frente à Prefeitura. Varrição geral nos passeios, corte de grama, reparo nos canteiros e poda de galhos apodrecidos fizeram parte da ação. Trabalhos de capina mecanizada, recolhimento de entulhos em diversos pontos do município também estão na rotina da SMSU, na área da limpeza urbana, neste primeiro dia do mês. Programação Nesta semana, os serviços de capina mecanizada, roçada e pintura de meio-fio serão executados nas avenidas Dorival de Oliveira – entre as paradas 74 e 64 – Walmor de Souza, São Luís e Avenida dos Estados. Os serviços serão prestados até amanhã, se não chover. No mesmo período, a SMSU prevê o recolhimento de entulhos em 30 locais, de diferentes bairros da cidade. Já o recolhimento de restos de poda deve remover galhos em 37 endereços, a partir de solicitações da comunidade, conforme informou a secretaria. Os trabalhos de manutenção das redes de iluminação pública estarão contemplando oito regiões nesta semana – Morada do Vale, Centro, Cohab, Bonsucesso, Morungava, Costa do Ipiranga, Caveira e Parque dos Anjos, estão no cronograma, assim como o “arrastão noturno”, que vai passar por dez bairros efetuando substituição de lâmpadas. Na rotina de recolhimento de animais mortos a secretaria terá equipe passando nas avenidas Teotônio Vilela, Walmor de Souza, Vitório Mônego, São Luís e Presidente Kennedy. Três escolas municipais estão com agenda de manutenção para a semana: Castro Alves, Padre Anchieta e Caldas Júnior.


Geral

Gravataí, 04/04/2013 - Pág. 6

Ammann inaugura sua primeira unidade na América Latina Hoje, às 19h, o grupo suíço líder mundial na fabricação de usinas de asfalto abre em Gravataí fábrica que teve investimento de R$ 23 milhões

É

gravataiense a primeira unidade da Ammann na América Latina. O grupo suíço líder mundial na fabricação de usinas de asfalto e um dos três maiores fabricantes de rolos compactadores em todo o mundo, inaugura sua fábrica local hoje às 19h, no condomínio industrial localizado na Avenida Ely Corrêa, 2500, pavilhões 21 e 22. O complexo foi apresentado à imprensa ontem à tarde, durante coletiva da qual participaram o presidente do Grupo Ammann, Hans-Christian Schneider; os vice-presidentes executivos, Elmar Egli e Christian Stryffeler, acompanhados do presidente da Ammann Latino America, Gilvan Medeiros Pereira. Com um investimento de 9 milhões de Euros – cerca de R$ 23 milhões ao câmbio de ontem – a Ammann produzirá em Gravataí usinas de asfalto, compactadores e pavimentadoras, em uma área de 5 mil metros quadrados, com geração inicial de 50 empregos diretos. A usina de asfalto Prime 140, fabricada em Gravataí, será um produto global da companhia, que marcará o ingresso da Ammann no segmento de plantas supermoveis, destinadas ao atendimento dos mercados brasileiro, América Latina, África, Sudeste Asiático e também alguns países europeus. Schneider destacou a escolha de Gravataí para instalação da fábrica pela logística e pela boa acolhida do empreendimento, tanto em nível de governo do Estado, como do Município. Ele também disse que embora o poder público esteja entre os clientes da empresa,

é na iniciativa privada, entre as construtoras de rodovias que está o principal foco. A empresa, que faturou aproximadamente R$ 1 bilhão em 2011, já atua no Brasil desde 2010, contando com uma subsidiária em Gravataí e distribuidores credenciados em Porto Alegre, Belo Horizonte, Recife e Sorocaba. Empresa familiar A Ammann é uma empresa familiar suíça, com uma história de negócios de mais de 140 anos. – Nosso objetivo é atingir o sucesso a longo prazo. Desde nossa fundação, em 1869, somos fiéis ao slogan “Productivity Partnership for a Lifetime” e trabalhamos para acrescentar valor aos nossos clientes. Estamos comprometidos em oferecer serviços de pós-venda e suporte para o ciclo de vida completo de nossos produtos – destacou o presidente do Grupo Ammann. Para Gilvan Pereira, presidente da Ammann Latino América, a partir do início das operações da unidade brasileira, o objetivo é posicionar a Ammann como uma das líderes no segmento de equipamentos para construção de estradas na América Latina. – Queremos estar entre os maiores fornecedores do setor em até cinco anos. Vamos garantir a nossos clientes da América Latina a mesma qualidade e confiabilidade que nossos produtos e serviços possuem nos mercados onde já atuamos – projetou Pereira. Sala do Investidor A fábrica da Ammann em Gravataí é o primeiro empreendimento no Estado

concebido na Sala do Investidor, modelo de atendimento - físico e virtual - às empresas. Planejada pela Secretaria de Desenvolvimento e Promoção do Investimento (SDPI), coordena as ações de investimento e integra os agentes do Sistema de Desenvolvimento Econômico do RS (SDRS). Cada projeto é operado por um gerente que tem a função de realizar uma interlocução entre o empreendedor e os demais atores públicos e privados relacionados ao projeto em questão: o próprio SDRS, com informações sobre incentivos fiscais e linhas de financiamento, prefeituras e outras secretarias, seja para licenciamento ambiental, infraestrutura e logística e informações de distritos industriais, entre outras.

Fotos: Claudio Oliveira/JG

Empresa ocupa pavilhões 21 e 22 em condomínio industrial do Parque dos Anjos

Dirigentes da empresa durante a coletiva na tarde de ontem

Schneider e um dos compactadores fabricados em Gravataí

A usina de asfalto Prime 140 atenderá mercado local, da América Latina, África e Sudeste Asiático

Pavimentadora é outro dos produtos da fábrica local


Gravataí, 04/04/2013 - Pág. 7

Geral

Impostos e taxas municipais já podem ser pagos via internet Novo sistema que beneficia de imediato 18 mil contribuintes foi apresentado a contabilistas ontem pela Secretaria da Fazenda

O

novo sistema de software implantado pela Prefeitura de Gravataí e que irá beneficiar de imediato 18 mil contribuintes foi apresentado ontem no encontro promovido pelo Conselho Regional de Contabilidade (CRC) de Gravataí. A ati-

Fotos: Secom/PMG

vidade foi realizada na Câmara de Vereadores em três sessões, sendo a primeira às 9h, a segunda às 14h, com a participação do secretário Municipal da Fazenda José Alfredo Parode. A última ocorreu às 19h. O encontro, conforme explicou Parode, visa escla-

Parode: recadastramento dos usuários tem prazo até 31 de agosto

recer os contabilistas sobre o novo serviço via web implantado no município. – Nosso sistema funcionava com uma rede local que não dava muita segurança a pessoa física ou jurídica. Estamos adotando um novo padrão que possibilita que os usuários efetuem seus pagamentos via internet ou de forma presencial – explicou o secretário. Migração A Prefeitura, segundo Parode, vem buscando a atualização de seus serviços desde junho de 2012. A metodologia antiga não possibilitava que o contribuinte tivesse um cadastro único que permitisse efetuar o pagamento ao mesmo tempo do Imposto Sobre Serviços de Qualquer Natureza (ISSQN), a Taxa de Fiscaliza-

ção e Vistoria e o Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU). Para a delegada do CRC, Sandra Baumgartner, esta nova plataforma vem num momento muito importante, pois permitirá a migração do software de Escrita Fiscal e Fiscalização da Prefeitura do Município de Gravataí para plataforma datacenter. – O sistema utilizado pela Prefeitura era muito desatualizado, o que está sendo implantado permitirá uma maior agilidade nos serviços prestados –relatou. Recadastramento O recadastramento dos usuários deverá ser efetuado até o dia 31 de agosto e estará disponível no site da Prefeitura ou de forma presencial na SMF (Rua

Encontro foi promovido pelo Conselho Regional de Contabilidade de Gravataí

Antônio Donga, nº 53, no Centro). O consultor de implantação da Informática Pública Municipal (IPM) Ricardo Dorner, da empresa que instalou o software que permitirá acessar o sistema, foi o responsável pela demonstração de como utilizar o serviço e efetuar o

cadastro. A contabilista Marizele Pirez da Luz aposta na nova plataforma para facilitar o seu serviço: – Acredito que com esta atualização os serviços prestados aos contribuintes irão melhorar bastante – observou.

Funcionalismo é treinado sobre padronização de procedimentos Melhorar a eficiência dos serviços rotineiros das várias secretarias da administração municipal. Este foi o principal objetivo do encontro que reuniu representantes de todas as secretarias municipais, fundações e autarquias para a capacitação interna da Prefeitura de Gravataí. O treinamento realizado ontem abordou a padronização nos processos de compras e a apresentação do sistema informatizado. A qualificação foi promovida pela Escola de Governo, órgão da Secretaria Municipal da Administração (Smad), no salão de eventos do Hotel Radar. De acordo com o titular

da Smad, Nilo Moraes, o treinamento de pessoal será uma constante neste governo. Ele considera a capacitação dos servidores algo imprescindível para a melhoria da prestação dos serviços e do atendimento ao público. Reforçando o pensamento do secretário Moraes, o ex-presidente do Tribunal de Contas do Estado do Rio Grande do Sul (TCE-RS), Hélio Saul Mileski, convidado para falar sobre aspectos dos processos de compras, em especial o fracionamento na aquisição de bens e contratação de serviços, destacou que a própria Constituição Federal esta-

belece a eficiência como um princípio a ser obedecido pelos gestores públicos. Assim, frisou ele, não há fórmula que leve à melhoria na prestação de serviços sem o treinamento de pessoal e sua contínua atualização quanto à legislação vigente. Avanços tecnológicos Segundo Mileski, a qualificação da estrutura administrativa precisa ficar à altura das exigências da sociedade e isso passa, necessariamente, pelas práticas e avanços tecnológicos. Citando obrigações determinadas pela Lei das Licitações – 8666/93 – deu ênfase à

responsabilidade do agente público em cada ato num processo que pode ser, até mesmo, a simples compra de materiais de expediente, referindo-se a condutas proibidas. Diplomado em Estudos Avançados de Direito Administrativo, Hélio Mileski salientou a responsabilidade gestora dos prefeitos municipais, o que implica no cumprimento de todos os princípios constitucionais dirigidos à Administração Pública, especialmente o da legalidade. Para escapar de atos ilícitos, fiscalizados pelo Tribunal de Contas, que podem resultar até mesmo

em inelegibilidade eleitoral, Mileski considera primordial um plano de trabalho associado à busca da eficiência e do controle interno, sempre com foco

na relevância do serviço público. Ele elogiou a organização do evento e o interesse dos servidores pela busca da qualificação.

Ex-presidente do TCE, Hélio Saul Mileski foi o palestrante


Gravataí, 04/04/2013 - Pág. 8

Inter reencontra a vitória no Estadual Junior As obras do novo estádio do Cruzeiro seguem dentro do cronograma definido no último mês de novembro. Nesta semana, está sendo instalada a curva da arquibancada entre o setor social e o setor sul, nos fundos para a avenida Ary da Rosa, no bairro Granja Esperança, em Cachoeirinha. Segundo os engenheiros da empresa Engemold, a estrutura total do estádio estará pronta até o final de abril. Após a finalização da instalação de todos os módulos das arquibancadas, serão feitas as obras internas. A inauguração do estádio está marcada para 14 de julho, dia do aniversário de 100 anos do Esporte Clube Cruzeiro.

Esporte

Junior do Cerâmica enfrente o Pelotas hoje Time do técnico Giba tem partida marcada para as 15h no Bento Freitas, pelo Estadual da categoria

O

time Junior do Cerâmica viaja a Pelotas, na zona sul do estado, para enfrentar o Brasil nesta quinta-feira, 4. A partida ocorre às 15h, no Estádio Bento Freitas. O Cerâmica é o quarto colocado do Grupo A da Taça Abílio dos Reis, somando seis pontos. Já o Brasil, realizou apenas dois jogos, pois entrou atrasado na competição após substituir o Caxias, e soma apenas um ponto. Segundo o treinador Gilberto Machado, o Giba, o grupo sabe da importância da vitória em Pelotas. – A Comissão Técnica e os jogadores estão muito motivados. Viemos em uma linha ascendente na competição, onde é percebida a evolução de cada

Foto: Divulgação/CAC

um dos atletas. Vamos buscar a classificação – declara Giba. Para o técnico, a conscientização dos garotos sobre o descanso e correta alimentação tem sido essencial para que o grupo todo esteja preparado para jogar, caso seja necessário. – Nosso elenco está pronto. Mesmo aqueles que vinham ficando de fora, estão treinando muito para que estejam prontos quando surgir uma oportunidade – destaca o treinador.

FICHA DO JOGO Estadual Junior Brasil de Pelotas x Cerâmica Quando: quinta-feira, 4, às 15h Onde: Bento Freitas, Pelotas

Equipe tem treinado forte e está pronta para o desafio

Cerâmica X Grêmio na Arena sábado

Colorados superaram Osoriense

Abertura do Brasileiro de Motocross Faltando menos de duas semanas para a abertura do Campeonato Brasileiro de Motocross 2013, que será realizada, entre os dias 12 e 14 de abril, em Carlos Barbosa (RS), muitas equipes já garantiram a participação. A maioria já definiu os pilotos que defenderão a “escuderia” durante a temporada. Competidores que terão a responsabilidade de entrar na disputa pelo título duas vezes. Uma como piloto e na outra representado a equipe. Isso porque este ano a CBM (Confederação Brasileira de Motociclismo) criou uma competição a parte para os times. A largada será dada na próxima semana no motódromo Fabiano Audibert, em Carlos Barbosa, e as equipes já criam expectativas. – Essa disputa vai movimentar o Campeonato. Muito legal criar essa disputa entre as equipes. Além de ser uma competição interessante também valoriza os patrocinadores e incentiva as equipes – ressalta o chefe de equipe da Pirelli/ Mobil/Red Bull, Léo Lopes.

Torcida precisa apoiar mais o time da cidade

O Cerâmica conta com o apoio da torcida em mais um jogo decisivo pelo Gauchão Chevrolet 2013. No próximo sábado (6) a equipe enfrenta o Grêmio, às 21h, na Arena, em Porto Alegre. Os torcedores já podem adquirir seus ingressos na secretaria do Cerâmica, ao valor de R$ 40. Idosos, estudantes e crianças de 2 a 15 anos pagam R$ 20. A venda de ingressos na sede do Cerâmica ocorrerá até sexta-

feira, no horário das 8h30 às 12h e das 13h às 18h. O endereço do clube é Avenida José Loureiro da Silva, 2321, Centro de Gravataí. No dia do jogo, a torcida do Cerâmica deve adentrar a Arena pela rampa Sul, através do portão J. A direção do clube destaca que o incentivo da torcida é essencial na busca pela vitória que manterá o time na elite do futebol gaúcho em 2014.

Jogo está marcado para as 21h na Arena

Cidade sedia Campeonato Gaúcho de Pingue-Pongue Gravataí recebe no dia 13 de abril a 2ª etapa do Campeonato Gaúcho de Pingue-Pongue. Os jogos, que serão disputados no Ginásio Aldeião a partir das 15h, integram as comemorações dos 250 anos de fundação do município. A competição é dividida em 10 etapas realizadas em diferentes sedes no decorrer do ano, se tornando campeã a equipe que somar o maior número de pontos ao final do torneio. – Gravataí também é destaque nesta modalidade, pois a atual campeã estadual, Versatronic/

River, é daqui – ressaltou o secretário municipal de Esportes, Luciano Oliveira, destacando que é uma hora para o município receber a 2ª etapa do Estadual de Pingue-Pongue. – Nossa gestão visa fomentar a prática de todas as modalidades esportivas – comentou o secretário. A 2ª etapa do Campeonato Gaúcho de Pingue-Pongue é uma promoção da Prefeitura de Gravataí, com a coordenação da Federação Gaúcha de PinguePongue (FGP).

Campeonado Estadual de Ping Pong em Gravataí


Gravataí, 04/04/2013 - Pág. 9

Polícia

Ônibus incendeia com 22 passageiros a bordo Acidente aconteceu ontem em Santo Antônio da Patrulha. Rapidez na evacuação evitou que houvesse vítimas

U

m incêndio irrompido provavelmente devido a um curto circuito no motor, destruiu ontem (03/04) por volta das 13h45 todo o interior do ônibus da empresa Sudeste que fazia a linha de Sertão do Rio dos Sinos a Santo Antônio da Patrulha. O motorista, Sandro Luiz Mendonça de Abreu, foi alertado por um passageiro sobre o cheiro de borracha queimada e tão logo as chamas começaram a irromper, ele utilizou um extintor. Porém, a carga não foi suficiente para debelar o fogo e ele determinou que os passageiros saíssem do coletivo. Não houve pânico e em se-

Fotos: Hermógenes Silveira/Grupo 2M guida foram acionados a Brigada Militar e os Bombeiros. A Brigada comandada pelo tenente Goularte chegou primeiro e determinou isolamento do local bem como interrupção no trânsito. Os bombeiros chegaram logo em seguida, conseguindo extinguir as chamas, mas o interior do veículo foi totalmente destruído. O gerente operacional de Sudeste, José Carlos Fernandes, após a liberação do coletivo acompanhou a remoção para o depósito, salientando que os passageiros tiveram toda a assistência em relação ao transporte para os locais de destino. Não houve feridos. Bombeiros conseguiram controlar as chamas

Interior do ônibus ficou totalmente destruído

Brigada Militar isolou a área

Preso em Gravataí vai a júri segunda-feira Na tarde de ontem, sob coordenação do delegado André Lobo Anicet, agentes da 2ª Delegacia de Cachoeirinha capturaram Thiago Alves, o Guga, com prisão preventiva decretada por homicídio ocorrido no distrito em outubro de 2009. Guga irá a júri na comarca local na próxima segunda-feira, 8. Ele havia fugido de Cachoeirinha e seu paradeiro ainda não era conhecido, sendo que depois de executar diversas diligências no sentido de localizá-lo os agentes descobriram seu esconderijo na tarde desta quarta-feira no bairro União, em Gravataí. Guga já fora preso em outra oportunidade pelos policiais da 2ª Delegacia de Polícia por tráfico de drogas.

Foto: Divulgação/Polícia Civil

Homem que estava foragido é réu em processo por homicídio em 2009

Governador recebe taxistas para discutir medidas de segurança O governador Tarso Genro recebeu no Galpão Crioulo do Palácio Piratini, ontem, taxistas de Porto Alegre e representantes da categoria para ouvir as reivindicações e debater medidas de segurança, principalmente para os profissionais do turno da noite. Acompanharam o encontro os titulares das secretarias de Segurança Pública (SSP), Economia Solidária (Sesampe), da Casa Militar, do Comando-Geral

da Brigada Militar (BM) e da chefia da Polícia Civil (PC). A reunião de trabalho, informação e coleta de informações serviu para o aprimoramento do trabalho do Estado e, conforme o governador, a investigação da polícia continua, mas é a partir da experiência de trabalho dos profissionais que o Estado irá traçar ações efetivas para proporcionar melhores condições de segurança, principalmente

àqueles que trabalham durante a madrugada. Um documento com as principais áreas de risco foi entregue ao chefe do Executivo, assim como as principais necessidades da categoria. – Vamos melhorar a questão das barreiras, estabelecendo um programa de trabalho com tecnologias novas de localização e comunicação dos táxis com as autoridades, para que possamos lutar

contra a possibilidade de que novos acontecimentos nos surpreendam – disse Tarso. O governador ressaltou que, dos 2,5 mil novos brigadianos oriundos de concurso público realizado ano passado, 500 serão lotados especificamente em Porto Alegre. Ele destacou ainda que um novo concurso já foi aberto para a contratação de mais dois mil policiais militares, além de policiais civis.

Caminhão tomba na Freeway Um acidente envolvendo um caminhão, no final da manhã de ontem, deixou um trecho da BR 290 (Freeway) tomada por papeis brancos. O veículo trafegava no sentido Capital-Litoral, carregando uma carga de material escolar e não conseguiu vencer a curva na alça que dá acesso à Cachoeirinha, na altura do km 86. A carroceria do caminhão abriu e as folhas de papel ficaram espalhadas sobre a via. Ninguém ficou ferido.

Preso suspeito de matar morador de rua Foi preso, na manhã da última terça-feira, um dos suspeitos de ter espancado até a morte um morador de rua, no dia 25 de fevereiro deste ano, em frente ao Mercado Público de Porto Alegre. A prisão aconteceu na Praça Parobé, no Centro da Capital. Segundo o delegado Wagner Dalcin, dois homens e um adolescente foram conduzidos à delegacia. Contra um dos homens havia mandado de prisão temporária. Todos foram submetidos a reconhecimento pessoal na 2ª Delegacia de Polícia de Homicídios e Proteção à Pessoa (2ª DPHPP), sendo reconhecidos por testemunhas. O homem que tinha a prisão temporária decretada será encaminhado ao Presídio Central. Será representado pelo pedido de prisão do outro homem, enquanto que os procedimentos relacionados ao adolescente deverão ser encaminhados ao Departamento Estadual da Criança e do Adolescente (Deca), completou o delegado.


Evento promovido pela Prefeitura acontece no auditório da Ulbra Gravataí

PALAVRAS CRUZADAS DIRETAS

www.coquetel.com.br www.coquetel.com.br

© Revistas Revistas COQUETEL COQUETEL 2011 2011 ©

Local de Expressãode TV Lista de programas mais moderna denunciados à Câmara trabalho Federal do técnico, equivalenpor suas "apelações" estádio te ào "colhePrendem navio aonocais

Duas Vegetações "armas" próprias femininas das zonas para litorâneas

(?) loco: no lugar (latim)

mos o que plantamos" Crença religiosa

alisar os cabelos Carne de assados Ostentação exagerada (pop.)

Recurso do Excel (Inform.) Fúria

Thomas (?), romancista alemão

Profissional da indústria de turismo

Grito de dor ou surpresa A festa de Sílaba de "rosca" criança, pela movi- Rádio mentação (símbolo)

ComproCair em vação; rápida decorrobocadência ração (fig.)

Queimar; CartãoNome que indiviincendiar dualiza um postal produtode Belo ReiMuito dos fechada Horizonte Animais (a mata)

Egberto Órgão Gismonti, nacional domúsico comérCê-cedilha cio (sigla) Grude Massagem chinesa

A glândula produtora da gordura da pele O dia decisivo Tronco de árvore

Duplicadas Palco do Carnaval de do Peça Salvador vestuário

R

vendida Revoluaos pares cionário cuja vida Profissioénais temaco-do filme mo os "Diários "trainees" de Motocicleta"

U

A Canal de

AOpõe-se postura correta a noiteda coluna Engenharia vertebral (abrev.) Prata

(?) Penn, (?), via ator norte- marítima americano do Egito

Soco, em (símbolo) inglês 1.501, em romanos

Deusa da razão (Mit.) Arte, em latim

Jesus, perante o Sinédrio (Bíblia)

Comércio (abrev.) A última letra

Dança, Pintura e Escultura Adquirir; Tocam no conquiscarrilhão tar da igreja

Detector Xenônio de objetos (símbolo) imersos em água Ecoar

Dar início (a um inquérito)

(?) Polessa, atriz 100 m2 Nélson Gonçalves: o Boêmio (MPB)

(?) marra: à força

Burlava; Pode mentia resultar em heGrito de morragia saudação, de entusiasmo Hiato de "paetê"

Ingênuo, em francês Nêutron (símbolo)

Que rende culto a divindade

Conges-

Grande tão (?), quantida- indício de de (pop.) resfriado

Ave que cata carrapatos no boi Formação Produto da exporpara a tação dança de quadrilha potiguar Interjeição Olívio gaúcha Dutra, Vitamina político do caju gaúcho

Instituição que recebe livros da PNLD

BANCO 87 BANCO

85

Solução Solução Solução anterior SE UN EG Z T I RU AI TG A

“Repensando Olhares – Conflitos com a Lei na Adolescência” é o tema do seminário promovido pela Secretaria Municipal do Trabalho, Cidadania e Assistência Social (SMTCAS), que acontece hoje no auditório da Universidade Luterana do Brasil (Ulbra), Campus Gravataí. As atividades começam às 8h30 e incluem a palestra “Uma abordagem jurídica sobre adolescente em conflito com a lei”, na fala do advogado João Batista Costa Saraiva, especialista e consultor na área de direitos da criança e adolescente. Na abertura da programação, a secretaria vai apresentar o Serviço de Proteção Social a Adolescentes em cumprimento de Medidas Socioeducativas em Meio Aberto (Pemse), do Centro de Referência Especializado de Assistência Social (Creas). À tarde, a programação começa às 14h para ouvir Magda Martins de Oliveira, mestre em educação pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (Ufrgs). Ela estará relatando “Uma experiência com adolescentes em cumprimento de medidas socioeducativas em meio aberto”. Depois, acontece um debate sobre a temática do seminário, seguido de relatos de experiências da rede sobre Medida de Prestação de Serviços à Comunidade. De acordo com o titular da SMTCAS, Marcelo Soares, entre os objetivos do encontro está a valorização da rede que atua no Centro de Referência Especializado de Assistência Social. O seminário é aberto à comunidade de Gravataí e para as pessoas que trabalham com a temática adolescência, buscando problematizar e desmistificar aspectos sociais, psicológicos e jurídicos que permeiam o processo de adolescer e o conflito com a lei. O evento inclui a entrega de certificado de instituição parceira da rede de proteção a adolescentes em cumprimento de medidas socioeducativas de Gravataí.

LM EA LD AA EE GR ÇC ÃN OC O OS AA SL A DR EA T AE B OA PG AM RD AI CI OO MS E R PT AR NA UR O D S A LA B AO HD OU LR AA

Os resumos dos capítulos de todas as novelas são de responsabilidade de cada emissora

Nara Gomes Massulo - Nutricionista - naramassulo@terra.com.br

R

Balaco baco Isabel se desespera ao ver Taís aprisionada e decide ir à polícia. André expulsa Lucas do apartamento e magoa Catarina. Na delegacia, Diva e Dóris se espantam com a presença de Álvaro, que instiga o policial a manter as gêmeas sob custódia. Taís enfrenta Norberto, que surta, deixando Fabiana e Arnaud preocupados. Norma conta para Breno e Patrick que está desempregada e dá margem para Horácio insistir na ideia do casamento. Catarina acusa Norberto pela morte de Danilo e Arthur nega ter notícias do filho.

u Modo de preparo Cozinhe o frango e desfie, pique os tomates, a cebola, o alho e o pimentão, faça um refogadinho (temperando com sal, pimenta a gosto), reserve por alguns instantes. Coloque um requeijão em um prato refratário, faça uma camada com todo o refogado, junte o outro requeijão em forma de outra camada e a última com o queijo em fatias. Leve ao forno para derreter o queijo e coloque a batata palha.

BR A AA BI NN RN CK A OI SD NG O D A ED RI RA N EB V IA R S EX ZE RA U VR A AI F SA CD

Salve Jorge Theo e Morena se beijam. Nunes consegue falar com Helô. Lívia repreende Wanda por ter ido atrás do coronel. Lucimar descobre que a filha fugiu. Érica e Áurea se preocupam com o sumiço de Theo. Helô e Barros procuram Morena na casa de Theo. Morena volta para o esconderijo e Lucimar a repreende. Aída convida Antônia para seu casamento. Érica descobre que Morena está viva. Wanda é fotografada saindo do hotel. Érica conta para Márcia que acordou se sentindo mal. Nunes marca um encontro com Lucimar. Delzuite afirma que não reatará após a traição de Pescoço. Lurdinha entra em contato com Aisha pela internet. Zyah observa Bianca dançar no restaurante. Os capangas de Mustafá sequestram Russo. Márcia fala para Theo que acredita que Érica esteja grávida.

Seminário aborda conflitos com a lei na adolescência

u Ingredientes 2 peitos de frango pequenos ou 1 grande, 3 a 4 tomates médios, 1 cebola grande, 1 pedaço grande de pimentão de sua preferência, 1 dente de alho, 1 pacote de batata palha, 2 copos de requeijão cremoso e 200 g de queijo fatiado

AO RA ER

Guerra dos sexos Juliana pede perdão a Roberta. Kiko conta para Ary e Iracema que colocou uma poção em suas bebidas. Ary e Iracema decidem dar uma nova chance a Nando. Dino encontra o spray usado para sabotar o desfile e o manda para análise. Frô vê a boneca russa na casa de Nieta.

Culinária JG

Malhação Lia fica apreensiva de estar em um local afastado com Vitor, mas fica feliz ao lado dele. Elisa provoca Fatinha, que repreende Bruno. Fera e Rita conversam sobre os pais do menino. Orelha e Morgana iniciam os testes de elenco. Alemão liga para o celular de Lia e diz para a garota voltar para casa. Flor do caribe Hélio entrega um cheque a Bibiana para pagar o barco de Donato, e pede à mãe segredo sobre a origem do dinheiro. Alberto fica zangado com Ester ao perceber que foi ela quem tramou a prisão de seus clientes.

Galinha escabelada rapidinha

Foto Divulgação/JG

SM E P EA FP A M A CN E M U R AG T I I FA DU O R DD OE BG RR M E UI AA R ER M S CE EA G H E AS RT TA PT AE R S II NN OS E NN GA AN HG U RN S AA EN G

Resumo de Novelas

Entretenimento

3/ars. 4/naif. 5/atena. 9/instaurar. 11/degringolar. 3/anu — bop. 6/tabela. 7/sebácea. 10/che guevara. 16/efeito bumerangue.

Gravataí, 04/04/2013 - Pág. 10


Gravataí, 04/04/2013 - Pág. 11

Geral

Convênio com o Centro Social Marista será fortalecido Promessa foi feita pelo secretário municipal de Assistência Social, Marcelo Soares, ontem durante visita à entidade

O

secretário de assistência social, Marcelo Soares, acompanhado da diretora de Assistência Social, Joice Michels, visitou, na manhã de ontem, o Centro Social Marista Mario Quintana. Marcelo conheceu as dependências da unidade e as atividades desenvolvidas no local. O público atendido pelo Centro Social Marista Mário Quintana constitui-se basicamente de deficientes auditivos e alguns ouvintes em situação de vulnerabilidade social. – Eles encontram no Centro uma oportunidade de inclusão no mercado de trabalho, com a realização de oficinas de

geração de renda – explicou a coordenadora do Centro Social, Berenice Saut. Entre as atividades desenvolvidas no local, encontram-se as oficinas de aprendizado, dança, teatro, cidadania, inclusão digital, expressão corporal, culinária, atividades da vida diária, meio ambiente, consumo responsável e musicalidade. A Secretaria Municipal de Trabalho, Cidadania e Assistência Social (SMTCAS), mantém um convênio com o serviço de convivência e fortalecimento de vínculos, que atende 40 crianças em estado de vulnerabilidade social. Experiência

Fotos: Secom/PMG

Áries: A Lua entra em Capricórnio, se une a Plutão e o dia pode ser um pouco mais tenso que o normal. Tenha paciência, pois todos os problemas estão sendo finalizados. Júpiter ameniza um pouco o astral com algumas boas promessas. Touro: A Lua entra em Capricórnio e, unida a Plutão, torna o dia mais tenso. Pode surgir um pequeno problema com um amigo ou sócio estrangeiro, mas tudo relacionado aos negócios. Júpiter equilibra suas emoções e deixa o astral mais leve. Gêmeos: A Lua entra em Capricórnio e, em aspecto com Plutão, aprofunda suas emoções e o torna mais tenso e fechado do que o normal. Procure ter paciência e não forçar a barra na direção das mudanças. Elas chegam naturalmente.

Secretário Marcelo e a diretora Joice estiveram ontem na entidade

– É fundamental que a Prefeitura invista em projetos desse tipo, pois faz toda a diferença na vida destas crianças. Esse é um local que podemos auxiliar elas, e esse é o diferencial do serviço prestado aqui – relatou a coordenadora.

Centro Social faz a inclusão de pessoas por meio de oficinas

O objetivo do município, de acordo com o secretário, é de ampliar essa parceria. – O importante é a gente trabalhar com entidades que não tenham apenas experiência, mas também um conhecimento para desenvolver um trabalho com crianças e adolescentes, sendo muitos deles com necessidades especiais – destacou. – A gente reconhece que esta é um dos melhores serviços que temos. A intenção é de melhorar sempre. Estamos qualificando muito nossos serviços de fortalecimento de vínculos e a intenção é ampliar as vagas para poder atender e beneficiar cada vez mais crianças – declarou Joice.

Vagas Os pais, como é o caso de Genessi Rodrigues de Barros, aprovam o serviço prestado pelo Centro. – Isto é maravilhoso, posso ir trabalhar tranquila, pois sei que meus filhos estarão seguros e bem amparados aqui – contou ela, que tem dois filhos na instituição. Além do convênio com o Centro Social Marista, a Prefeitura possui dois serviços de fortalecimento de vínculos, que são o Peteca e o Meninos e Meninas. Ao todo são 120 vagas e a intenção é de poder aumentar este número. A SMTCAS adquiriu recentemente uma Kombi totalmente nova, para os serviços de fortalecimento de vínculos.

Câncer: A Lua entra em Capricórnio, se une a Plutão e o dia pode ser meio tenso nas questões que envolvem os relacionamentos. Procure não se deixar levar por pensamentos negativos. A energia é passageira. Leão: A Lua entra em Capricórnio e você pode ter um dia de preocupação no trabalho. Não se deixe levar por elas, pois essa energia passará muito rapidamente. Procure não entrar na onda de provocações de colegas. Virgem: Um relacionamento específico, que começou há pouco tempo, pode mostrar que não vale a pena ser mantido. As ilusões tendem a cair por água abaixo nos próximos dias. Você deve fazer avaliações realistas a respeito de suas escolhas. Libra: A Lua entra em Capricórnio e, unida a Plutão, movimenta seus relacionamentos familiares. Hoje você vai preferir estar entre os seus, curtindo a intimidade de sua casa. Não se deixe levar pela força negativa da energia. Escorpião: A Lua entra em Capricórnio e se une a Plutão, movimentando de forma mais tensa um trabalho em equipe. Um contrato de trabalho pode mostrar problema e precisar de revisão. Tenha toda paciência do mundo, pois essa energia é passageira. Sagitário: A Lua entra em Capricórnio e, unida a Plutão, movimenta assuntos relacionados às suas finanças. O momento é ótimo para rever gastos e se comprometer com sua economia. Não se deixe levar pela tensão do dia, pois essa energia é passageira. Capricórnio: A Lua entra em seu signo e se une a Plutão, deixando você mais fechado e introspectivo e bastante preocupado com algumas mudanças que devem ser feitas. Não se deixe abalar pelo pessimismo, pois a energia é passageira.

O Último Elvis Carlos Gutiérrez (John McInerny) é cover de Elvis Presley e sempre viveu a vida do grande astro do rock como se fosse ele próprio reencarnado, negando a si mesmo. Só que agora se aproxima da idade que Elvis tinha ao morrer e seu futuro se mostra vazio. Uma situação inesperada acaba por obrigá-lo a cuidar da sua filha Lisa Marie (Margarita Lopez), uma menina pequena que ele quase não vê. Nos dias em que fica com ela, Carlos experimenta ser realmente um pai e Lisa Maria aprende a aceitá-lo como tal.

Aquário: De nada vai adiantar tantas preocupações com sua vida financeira. Procure manter a calma e a fé, mas mantenha também os pés bem firmes no chão. O momento pede reorganização e equilíbrio nos gastos. Peixes: Muitos planetas em seu signo podem continuar beneficiando sua vida e trazendo novos interesses também. Trabalho e vida pessoal podem ganhar um novo sentido. Fique atento e pense bem para não tomar decisões apressadas.


Quinta-feira, 04 de abril de 2013

JORNAL DE GRAVATAÍ


ANO 9 - EDIÇÃO 1676ª - DIÁRIO - QUINTA-FEIRA, 04 DE ABRIL DE 2013 - R$ 1,00