Issuu on Google+

►ENQUETE JG

Como a cidade trata as pessoas portadoras de deficiência?

►POLÍCIA

Pág. 3

Motociclista atropela idoso na parada 64

Pág. 9

ANO 8 - EDIÇÃO 1658ª - DIÁRIO - TERÇA-FEIRA, 12 DE MARÇO DE 2013 - R$ 1,00

Circulação nos municípios de Gravataí, Cachoeirinha, Glorinha e Santo Antônio da Patrulha

► FISCALIZAÇÃO

Retomada vistoria de danceterias e restaurantes Ação da Prefeitura e Bombeiros no final de semana inspeciona sete estabelecimentos Foto: DOUGLAS SANTOS

Pág. 7

► ESPORTE

Aberto o 38º Torneio do América

► CULTURA

Pág. 8

Exposição mostra acervo da Fundarc no Quiosque Pág. 10

► EVENTO

Festa do Alemão beneficia entidades ► POLÍTICA

Chega à Câmara de Vereadores projeto para reforçar o combate à denguePág. 5

Contracapa


Opinião / Serviços

Gravataí, 12/03/2013 - Pág. 2

Análise do leitor

LOTERIAS

AS GRAVATADAS

Por Edenir Raupp Professora Geralmente quando um presidente, governador ou prefeito indica uma pessoa para um cargo considerado importante, essa indicação geralmente acontece por acordos políticos, afinidades partidárias, votações e outros. Confesso que fiquei receosa em escrever este texto, mas a coluna chama-se Análise do Leitor, por isso acredito que devo expor minha opinião, procurando não ferir uma comunidade ou alguém injustamente. Vi muitos compartilhamentos positivos e outros tantos negativos a respeito da indicação do pastor e deputado federal Marco Feliciano (PSC-SP) para presidir a Comissão de Direitos Humanos e Minorias da Câmara Federal, o que me fez ler um pouco, pesquisar para ter certeza de meu posicionamento. Indicar um pastor evangélico para uma comissão de direitos humanos não é o problema. Como escreveu Aguinaldo Silva, autor de novelas e escritor: “Não quero condenar ninguém. Mas sei que existem evangélicos muito mais capacitados a ocupar o posto dado ao pastor Marco Feliciano. O problema do pastor Marco Feliciano não é ele ser evangélico: é ter opiniões que se chocam com a comissão que trata dos direitos humanos”. O difícil é quando se trata de uma pessoa que condena um ser humano por ser homossexual, por ser negro ou aidético. Sim, ele se sente no direito de dizer que um aidético não tem alma. Como comentou a apresentadora Xuxa Meneghel que “Existem crianças com Aids. Para este senhor, elas não têm alma??????” Não bastasse isso, ele está sendo investigado por estelionato no Supremo Tribunal Federal (STF). Tenho vários amigos evangélicos, assim como católicos, luteranos e umbandistas, e respeito a religião de cada um. Também convivo com muitos amigos homossexuais, que atuam em várias áreas profissionais, de competências incríveis e corações maravilhosos. Muitos desses amigos já constituíram suas famílias, como puderam. Alguns já conseguiram adotar filhos e outros estão batalhando para terem um novo membro em casa. Esses pais/mães são pessoas atenciosas, que ensinam o respeito mútuo e o amor ao próximo e a seus filhos. E os nossos amigos negros? O que dizer para eles, pessoas que já fragilizadas por sua história de escravidão e preconceitos, conseguiram conquistar um pequeno espaço na sociedade, mas que ainda não é suficiente, para que sejam tratados com dignidade? Como isolar essas pessoas da sociedade? São seres humanos e que também pagam seus impostos para viverem nesta sociedade, com os mesmos direitos que os cidadãos brancos, heterossexuais e considerados “normais”. Pois é, este assunto não se esgota aqui, mas acredito que uma pessoa que está em uma comissão para defen-

Registro nº 39987 do Livro A-4 Filiado à ADJORI

Representante Comercial: (51) 3272-9595

jornaldegravatai@terra.com.br jornaldegravatai@gmail.com

Publicação da Empresa Gráfica Jornal 2M Ltda. CNPJ nº 03.851.285/0001-62 Tiragem – 8.000 exemplares Diretor geral: Moacir Oliveira Menezes Diretor administrativo: Gabriel Diedrich Departamento comercial: Adilson Mendes Redação: Katterina Zandonai e Claudio Oliveira Diagramação: Giulliano Pacheco Colaboradores: Iara Maurente e Edenir Raupp Avenida Dorival Cândido Luz de Oliveira, nº 6125 - Pda. 64 CEP 94.060-001 - Gravataí - RS - Brasil Telefones: (51) 3423.1792 - 3421.3381 Os textos assinados são de responsabilidade de seus autores.

Excepcionalmente hoje não teremos o resultado das loterias, pois o site da Caixa estava com problemas de acesso até o fechamento desta edição.

PREVISÃO DO TEMPO Terça-FEIRA - Mín. 17° Máx. 26°

Envie sua sugestão de charges para o e-mail: mmgravatadas@hotmail.com

Sol com muitas nuvens durante o dia. Períodos de nublado, com chuva a qualquer hora.

Lixeiras em péssimo estado Encontrarmos lixeiras em mau estado de conservação tem sido muito comum em praças e vias públicas. Manter a cidade limpa com lixeiras conservadas é o mínimo que se espera, mas assim como estão, nossa cidade fica mais feia. Já faz muito tempo que estamos mostrando, mas até o momento não se vê fazerem nada. Voltaremos...

Um conclave tergiverso Helder Caldeira* Quando o recém-eleito Joseph Ratzinger escolheu ser chamado de Bento XVI, justificou ao colégio cardinalício ter buscado inspiração no pontificado do Bento anterior, o XV: curto, doloroso e profícuo, especialmente dedicado à reforma administrativa da Igreja Católica ante o borbulhar de um novo século. Interessante coincidência (será mesmo?!), o alemão Ratzinger e o italiano Giacomo Della Chiesa tiveram papados de modestos oito anos, infrutíferos em seus objetivos primordiais, de dolorosa pressão interna e mergulhados em abstrata intelectualidade teológica. Bento XV morreu e suas diversas tentativas frustradas de negociar a paz durante a Primeira Guerra Mundial (1914-1918), além de sua gestão administrativa e espiritual (entre 1914 e 1922), foram esquecidas pela história. Sagaz e extremamente inteligente, Bento XVI reconheceu, desde sua entronização, que poderia ter mesmo fim: o esquecimento. De forma cirúrgica, confrontou seu maior inimigo e sacudiu o mundo com o anúncio de sua renúncia na segunda-feira de Carnaval, algo que não acontecia há seis séculos. Outrora sisu-

do e pouco simpático, Bento XVI ganhou imensa popularidade com seu ato final e escreveu, em definitivo, seu nome e seu pontificado na história do mundo contemporâneo. Ainda há quem se iluda com o caráter puramente espiritual na escolha de um Sumo Pontífice e nas ações e decisões de seu papado. A própria história derruba esse mito. Chefiar a Igreja Católica e seus bilhões de fieis espalhados pelos quatro cantos do planeta é, certamente, uma tarefa árdua, mas que imbui um ser humano de imensurável poder. Ademais, não podemos esquecer que, antes de qualquer coisa, o Papa é um ser humano e, portanto, sensível e vulnerável às tentações do poderio, para bem ou para mal, pecador ou não. Justo por isso, o próximo conclave merece especial destaque e observação e não apenas dos católicos. Em tempos de explosão horizontal da informação a da exposição sombria das piores entranhas humanas, políticas e financeiras da Igreja Católica e todas as mazelas e dogmas anacrônicos que pulverizam suas bases, a eleição do novo Papa irá apontar a proposta de norte ao maior poder instituído e em vigor há mais de dois milênios sob a face da Terra. Resguardadas as unções

divinas, o sucessor de Bento XVI e a “política” a ser adotada, ao contrário do que muitos imaginam, não será revelada pelo perfil geográfico da escolha. Muito provavelmente a chefia da Igreja, 34 anos depois, voltará às mãos de um italiano. Ouso mais: parece-me cada dia mais evidente que o próximo Papa, a despeito de seus 85 anos de idade, será Angelo Sodano, decano do colégio cardinalício. Salvo engano, teremos outro Papa de Transição. Um pontificado curto o suficiente para dar tempo de respiração ao Vaticano, abalado por recentes escândalos de toda ordem e sacudido com a renúncia de Joseph Ratzinger. Dessa forma, o nome adotado pelo próximo Papa será determinante. Fica a dica: observemos à miúde os pontificados de Clemente XIV, o rigoroso; Leão XIII e suas encíclicas sociais; Pio XII, tão injustamente criticado por seu silêncio durante a Segunda Guerra Mundial e que também foi secretário de Estado, como Angelo Sodano; Paulo VI, o polêmico mariano; João XXIII, chamado de “Papa da Bondade”; e João Paulo II, um extraordinário comunicador e peregrino. O sucessor de Bento XVI deve adotar, por observação histórica, um desses nomes: Clemente XV, Leão XIV, Pio

XIII, João XXIV, Paulo VII ou João Paulo III. Arriscome a dizer que, caso Angelo Sodano seja eleito, seu nome será Papa João XXIV ou Paulo VII. Essa nomenclatura, quase às raias da heráldica, definirá os caminhos. Mas vale ressaltar: a transcendência e a força da contrição são dignas de verdadeira emoção. A fé, sob muitos aspectos, é tocante. O problema é como e por que fazemos uso dela. Eis que, antes do fim, o helicóptero conduzindo pela última vez Joseph Ratzinger no papel de Sua Santidade, o Papa Bento XVI, realizou um voo panorâmico sobre o Vaticano e a Basílica de São Pedro e fez, propositalmente, dois rasantes: um sobre o Coliseu de Roma e outro, em baixíssima altitude e quase tocando o solo, sobre o Aeroporto Internacional Leonardo da Vinci. Melhores mensagens subliminares seriam impossíveis. O recado foi dado e o conclave promete ser absolutamente tergiverso, ainda que sem surpresas. Quem diria, não foi o popular e moderno João Paulo II e sim o conservador Bento XVI quem trouxe a Igreja Católica para o Século XXI. Helder Caldeira é escritor, colunista Político, palestrante e conferencista


Geral

enquete JG Via página do Jornal de Gravataí no Facebook

Como a cidade trata as pessoas portadoras de deficiência? “Muito mal. Pois as deixam sem recursos para tratamentos.Sem recursos também para andar pelas ruas, perdem seu direito de ir e vir. Muita força e fé a elas, pois é preciso para poder ultrapassar todos esses obstáculos”. Katynha Santos

“Podemos dizer que de um tempo para cá mudou pouco, que as pessoas portadoras de deficiência são tratadas como um ser humano normal, sem aquele preconceito que existia. O único problema é escola para as crianças portadoras. Muitas escolas não aceitam por que não tem recurso o suficiente para aceitar uma criança assim”. Patricia Soares

“Mal é apelido. Não tem lugar para cadeiras de rodas. A cidade de Gravataí não está pronta para atender as pessoas com deficiência. Gravataí está se acabando! Que vergonha!”. Pamela Ezequiel

“Falta muito para as pessoas portadoras de deficiências serem tratadas com o respeito que merecem, a começar pela acessibilidade, que não existe, pois as calçadas estão esburacadas, escorregadias e inacessíveis a cadeirantes e deficientes visuais”. Edenir Raupp

“Muito mal... calçadas horríveis... Que muito mal conseguem andar pessoas normais, que dirá portadores de deficiências e cadeirantes... As paradas de ônibus não são próprias para eles, nem todos os ônibus são adaptados para cadeirantes, os táxis muitas vezes não tem espaço para as cadeiras de rodas, e ainda contamos com a falta de educação de muitos motoristas que não respeitam os locais sinalizados. Sem falar na rede de educação e saúde, que se formos falar não vai ser um comentário no jornal, vai ser a página toda. É só um pequeno alerta onde autoridades e cidadãos poderem refletir um pouquinho”. Lucineia da Silva

“Quando li a pergunta me veio logo à cabeça aquela ‘rampa’ de acesso da Farmácia Municipal de Gravataí, aquilo é um insulto aos portadores de deficiência!”. Priscila Germann

“Não trata, destrata! Quando precisei andar com um carrinho de bebê, fiquei imaginando o quão difícil é a vida de um cadeirante em nossa cidade”. Fernando Denise Bethiele

Gravataí, 12/03/2013 - Pág. 3

Essa é uma coluna do povo para criticar elogiar e botar a boca no trombone sobre aquilo que os leitores entenderem por certo ou errado. Entre em contato com a redação, pelo telefone (51) 3421.3381 ou mande seu e-mail para jornaldegravatai@terra.com.br. Junto mande seu nome, telefone e endereço.

E a América do Sul? O Silva abre a coluna de hoje com nota de leitor sobre uma das obras do OP, que a Prefeitura prometeu concluir ainda no ano passado, mas não o fez até o momento. Acompanhe: “Peço apoio ao JG na esperança de solucionar um problema que assola os moradores da Rua América do Sul em Gravataí (trecho da Travessa Zélia Matos até a RS 020). Já solicitei essa informação diretamente à prefeitura via e-mail dia 15/10/12. A seguir o texto enviado ao e-mail smov@gravatai.rs.gov.br do qual até agora não recebi nenhum retorno: ‘Gostaria de solicitar apenas uma informação referente à pavimentação da rua América do Sul, obra licitada e aguardando início. Conforme secretário Paulo Martins garantiu na reunião do OP do dia 12/06/12, por se tratar de ano eleitoral só poderiam realizar as obras já licitadas e que até o final do ano a obra seria concluída’. Até ontem a resposta não veio... Quando começa? O leitor que enviou a mensagem para o JG ainda está esperando que Smov responda seu e-mail. Ele quer respostas para suas perguntas: “Há uma previsão para o início da obra? Sofremos com o barro e os buracos que se formam com as chuvas e o acesso com a RS-20 tem um degrau considerável ocasionando até prejuízos para os desavisados. Agradeceria se pudessem informar quando teremos o início da obra, pois será o fim dos nossos problemas. Grato se conseguirem alguma informação referente a tal obra, visto que já estamos em março e nem sinal de início dos trabalhos, mas o carnê do IPTU veio. Esse não falha nunca”. Recado dado. A céu aberto... Leitor entrou em contato com o Silva na tarde de ontem para fazer um lembrete. Acompanhe a seguir: “Caro Silva, lembra da água escorrendo pela sarjeta no Centro de Gravataí, que outro dia foi tema do Radar, com foto e tudo. Pois é, passados dois meses pelo menos, ela continua lá. Escorre todos os dias pela Coronel Fonseca, em direção à Avenida José Loureiro e acaba se acumulando em frente à entrada de emergência do Hospital Dom João Becker. Causa má impressão para quem conhece e muito mais para quem não conhece a cidade. Se é assim no Centro, que se dizer dos bairros?”. Recado dado. De volta ao Parque dos Eucaliptos... O Silva volta a comentar na coluna sobre praça do Parque dos Eucaliptos. Ontem, o pessoal da Associação de Moradores do bairro entrou em contato para comentar o estado de abandono do local, que vem servindo para uso de cavalos e de ponto de drogadição. Hoje, a coluna foi informada de que a limpeza no local foi feita há uma semana, mas infelizmente já esta cheia de lixo. Só ficou para trás a manutenção de brinquedos e das quadras. “Não tem jeito é uma pena um lugar grande perdido, que poderia ser usado para várias atividades”, disse o leitor que enviou a informação. Recado dado. Senha do dia:

“A América é tricolor, pelo menos hoje...”


Opiniăo

Gravataí, 12/03/2013 - Pág. 4

Marco no Almoçando

e-mail:gabriel.diedrich@jornaldegravatai.com.br - Fone: 3421.3381

Homenagem A assessoria do vereador socialista Paulo Silveira esclarece que a Bancada do PSB na Câmara fez a indicação do nome de Aline Radde, presidente do Garrincha Futsal Feminino, para receber a Comenda Destaque Mulher Gravataiense 2013 na área esportiva. A premiação foi entregue durante sessão solene em homenagem ao Dia Internacional da Mulher.

Bancos terão bebedouros e banheiros A Câmara de Vereadores aprovou na última quinta-feira, durante sessão ordinária, o projeto de lei nº 10, de autoria de Clebes Mendes. Aprovado por unanimidade, o projeto dispõe sobre a concessão de alvará de funcionamento a bancos oficiais e particulares, no Município, e a instalação de bebedouros e banheiro masculino e feminino, inclusive com dependência própria para as pessoas com deficiência ou mobilidade reduzida. Segundo Clebes Mendes, a lei beneficiará principalmente pessoas idosas, com deficiência e gestantes. — São os clientes que mais necessitam e os bancos precisam oferecer esse conforto e comodidade para seus clientes com humanidade e respeito — defendeu o vereador em sua justificativa.

Projeto do vereador Clebes Mendes

O prefeito Marco Alba será o primeiro palestrante deste ano do “Almoçando com a Acigra”, a reunião-almoço promovida pela Associação Comercial, Industrial e de Serviços de Gravataí (Acigra) e Câmara de Dirigentes Lojistas de Gravataí – CDL Gravataí. O evento ocorrerá no dia 21 de março, às 12h, no Adriane Kronhadrt Centro de Eventos .

A oposição judicializada do PT Justiça de Gravataí extingue ação popular e nega liminares em duas outras A Justiça de Gravataí extinguiu uma das três ações populares propostas pela bancada do PT contra o prefeito Marco Alba, o ex-prefeito Acimar Silva e o presidente da Câmara, vereador Nadir Rocha, na qual os petistas questionam a lei municipal 3.281, de 26 de dezembro de 2012, que cria gratificação de representação e majora os vencimentos de secretários municipais ocupantes de cargos efetivos ou de emprego público. O juiz Vinícius Tatsch dos Santos, da 1ª Vara Cível da Comarca de Gravataí, julgou extinto o processo por considerar que a contestação da lei não se afigura viável como ob-

jeto de ação popular, por se tratar de questionamento à constitucionalidade de lei. As outras duas ações populares, também apresenta-

o ex-prefeito Acimar Silva e o presidente da Câmara, vereador Nadir Rocha, questionam o aumento dos salários do prefeito e do

das também pelos quatro vereadores petistas - Dimas Costa, Carlito Nicolait, Alex Peixe e Alemão da Kipão -, contra o prefeito, seu vice Francisco Pinho,

vice, dos secretários municipais, dos presidentes de autarquias e fundações municipais. Ambas foram julgadas pela Dra. Keila Silene Tortelli, da 3ª Vara

Cível desta Comarca, que decidiu por inferir os pedidos de liminar. A magistrada definiu que o caso exige cautela, pois não há suspender a fixação de vencimentos e subsídios de diversos cargos públicos tão somente por ter sido fixado em inobservância do princípio da anterioridade, sobretudo quanto não é sucessor que reclama que o aumento da despesa compromete o orçamento seguinte ou supera o limite imposto pela lei. A juíza ainda destacou que se deve assegurar o princípio do contraditório e ampla defesa a fim de se colher maiores elementos acerca da finalidade e alcance das referidas leis.

Entenda o caso... A bancada do PT ingressou com três ações populares questionando os salários do prefeito e vice, o aumento dos secretários municipais e a criação de uma verba extra que majora os salários de servidores ocupantes do primeiro

escalão do governo. O pacote de aumentos dos políticos foi aprovado no encerramento do mandato do ex-prefeito Acimar da Silva. Dimas Costa, Carlito Nicolait, Alex Peixe e Alemão da Kipão também

pediram nas ações liminares urgentes a fim de suspender os efeitos das leis, aprovadas e promulgadas no governo anterior para valer na gestão atual. As ações populares denunciam que houve superaumentos de salários dos

políticos nos últimos 180 dias de governo, sem apresentar impacto financeiro e com os gastos com pessoal ultrapassando o limite de 54% da Lei de Responsabilidade Fiscal, e acima do limitador de 51,3% para concessão de reajustes.

Paulo Silveira se reúne com o vice-governador Beto Grill O vereador Paulo Silveira (PSB) se reuniu na tarde desta segunda-feira (11) com o vice-governador Beto Grill, no Palácio Piratini, para encaminhar demandas de Gravataí. Entre os assuntos levados pelo parlamentar, está a duplicação da ERS-030 e das pontes sobre o Passo dos Ferreiros. — Esta é uma reivindicação antiga da cidade e é essencial para o seu desenvolvimento, pois liga uma região que cresce muito populacionalmente e que abriga empresas importantes, como a GM e a Pirelli Pneus, ao restante da cidade e a municípios vizinhos — afirmou Paulo.

Chefe da Guarda responde O Chefe da Guarda Municipal, Rogério de Souza Luiz, conforme Decreto nº 12652/13, enviou e-mail à coluna em resposta à nota publicada na edição de ontem dizendo que guarda mandando em guarda está longe de dar certo. Confira trecho de esclarecimento do Chefe da Guarda: “A Guarda Municipal de Gravataí tem Comando instituído e vem desenvolvendo ações e estratégias que buscam proporcionar um trabalho técnico profissional, mais humano e mais comprometido com o serviço público, com base na legislação que acolhe os servidores da Guarda Municipal, como a Lei 2750/07 - Estatuto da Guarda Municipal e 2751/07 - Regime Disciplinar da Guarda Municipal, entre outras, sempre com vistas a prestar um serviço de melhor qualidade aos nossos munícipes, respeitando todos os direitos fundamentais protegidos pela Constituição Federal de 1988”.

Airtinho deixa DS

Vereador socialista pediu atenção à duplicação da ERS-030 e pontes do Parque dos Anjos

O vereador acrescentou ainda que acompanha a demanda histórica há anos pelo mandato do deputado Miki Breier, do qual foi assessor parlamentar.

Beto Grill agradeceu a visita do vereador socialista e destacou que a duplicação de fato é importante e que o Governo do Estado retomará o debate sobre o

assunto. O vice-governador também se colocou à disposição da comunidade de Gravataí para encaminhar as demandas do Município.

O ex-vereador Airton Leal (PT) realmente deixou a corrente Democracia Socialista, do deputado Daniel Bordignon e da ex-prefeita Rita Sanco. O petista de cinco mandatos na Câmara de Gravataí ingressou na “Construindo um novo Brasil”, liderada no RS pelo deputado federal Paulo Ferreira. Outro que deve seguir o mesmo caminho é o vereador Alemão da Kipão.


Gravataí, 12/03/2013 - Pág. 5

Saúde

Controle da dengue terá o reforço de 91 agentes de combate a endemias Projeto prevendo a contratação em caráter emergencial por seis meses foi enviado à Câmara pelo prefeito Marco Alba ontem

J

á está na Câmara de Vereadores a medida que tem o objetivo de reforçar o combate à dengue no Município. O prefeito Marco Alba enviou o ontem à Casa o projeto de lei 22/2013, que prevê a contratação, em caráter emergencial, de 91 agentes de combate a endemias, pelo prazo de seis meses, para atuarem na prevenção e combate ao mosquito “Aedes Aegypti”, transmissor da dengue. As contratações autorizadas visam a atender demanda da Secretaria Municipal da Saúde e do Programa Nacional de Controle da Dengue, do Ministério da Saúde. A seleção dos candidatos obedecerá à ordem classificatória de concurso

realizado em 2010. Caso não ocorra o preenchimento das vagas, será realizada segunda chamada dos candidatos, também de acordo com a ordem de classificação. Apesar de não haver nenhum registro da doença no município, Gravataí foi incluída no programa nacional em função de, em agosto de 2010, terem sido localizados dois focos do mosquito transmissor, em residências do bairro São Jerônimo. – Em se tratando de saúde, temos de estar sempre um passo à frente, nos antecipando ao problema, por isso essas providências são emergenciais e inadiáveis – reforça o prefeito Marco Alba. Ele explicou ainda que com as nomeações, o município comple-

ta os 107 profissionais necessários para as ações de prevenção, tendo em vista que existem 16 agentes, nomeados em caráter efetivo, além dos que foram contratados emergencialmente em 2012 e que terão os contratos renovados, em abril. 172 focos Segundo dados da Secretaria Municipal da Saúde, em 2012, foram registrados 172 focos do mosquito no município, o que preocupa as autoridades, já que Porto alegre registrou até agora seis casos de dengue autóctones (contraídos na própria cidade). – Dessa forma, Gravataí tem o dever de concentrar esforços no combate e

Divulgação/JG

Novas contratações seguirão ordem do concurso de 2010

prevenção da doença e erradicação do inseto transmissor – reitera o secretário de Saúde Jones Martins.

Em sua justificativa, o prefeito Marco Alba pede que o projeto seja apreciado com brevidade pelos

vereadores, alertando que a legislação que autoriza os contratos em vigor expira em 8 de abril próximo.

Ulbra prepara o 6º Congresso Internacional de Matemática O Programa de PósGraduação em Ensino de Ciências e Matemática (PPGECIM) da Ulbra Canoas está organizando, em parceria com o curso de licenciatura em Matemática, o 6º Congresso Internacional de Ensino em Matemática, que acontece

em outubro deste ano na Universidade. A professora coordenadora do PPGECIM, Cláudia Groenwald, informa que as inscrições para apresentação de trabalhos podem ser realizadas a partir do próximo dia 15 até 15 de maio.

Já estão confirmadas as participações dos professores pesquisadores Angel Ruiz (Costa Rica), Fredy Enrique Gonzáles (Venezuela), Lourenço Moreno Ruiz (Espanha), Salvador Llinhares (Espanha), Juan Godino (Espanha) e Eduardo Mancera (México).

Durante o encontro serão realizadas palestras e seminários em que os participantes discutirão o tema. Mais informações no site www.ulbra.br/ppgecim ou na secretaria do Programa, pelo telefone (51) 34779288 ou pelo e-mail ppgecim@ulbra.br.

Professores de Canoas participam de workshop para reavaliação da Lista Vermelha Os professores do curso de Ciências Biológicas da Ulbra, Alexandre Uarth Christoff e Diego Marques Henriques Jung participam nesta quarta e quinta-feira do segundo workshop do processo de reavaliação da Lista da Fauna Ameaçada de Extinção no Rio Grande do Sul. O encontro dá continuidade ao trabalho iniciado em setembro de 2012, quando os professores foram convidados pela Comissão de Reavaliação da Lista Vermelha, a fazer parte da equipe de pesqui-

sadores avaliadores. O professor Alexandre explica que o objetivo é fazer uma revisão do Decreto nº 41.672, de 11.06.2002, que lista as espécies da fauna silvestre ameaçadas de extinção no Estado. O trabalho envolve pesquisadores de diversas universidades gaúchas e da Fundação Zoobotânica do Rio Grande do Sul que avaliam o estado de conservação das espécies, de acordo com seu grupo de estudo específico. O professor Alexandre

Christoff participou também da primeira avaliação da Lista Vermelha, quando da criação do Decreto em 2002. Para o professor Diego Jung, o convite é o reconhecimento do trabalho desenvolvido na Universidade. O processo de revisão da lista é coordenado pela Fundação Zoobotânica do Rio Grande do Sul. Neste segundo encontro está prevista a integração dos resultados obtidos pelos diferentes grupos de pesquisa e a conclusão deste estudo.

Foto: Luiz Munhoz

Christoff e Jung representam a Ulbra na reavaliação


Geral

Gravataí, 12/03/2013 - Pág. 6

Começa hoje conclave para escolha do novo papa Cardeal gaúcho está entre os fortes candidatos a assumir o mais alto posto da Igreja Católica Fotos: DIVULGAÇÃO/JG

Com o cardeal gaúcho Dom Odilo Scherer entre os fortes candidatos ao posto, o conclave que irá escolher o sucessor de Bento XVI acontece hoje no Vaticano. Uma missa para eleger o novo papa ("Pro eligendo Romano Pontífice") será celebrada na Basílica de São Pedro na manhã desta terça e os cardeais eleitores ingressarão na Capela Sistina à tarde. A informação foi confirmada pelo Vaticano na tarde da última sextafeira (8). A escolha do novo pontífice será realizada por 115 cardeais – todos já estão no Vaticano, inclusive os cinco brasileiros que participarão da votação: dom Raymundo Damasceno Assis, 76; dom Odilo Scherer, 63; dom Geraldo Majella Agnelo, 79; dom Cláudio Hummes, 78; e dom João Braz de Aviz, 64. São aptos a votar apenas

os cardeais com menos de 80 anos. A presença deles, segundo o Vaticano, é obrigatória. No entanto, na congregação realizada na manhã da última sexta, os 153 cardeais presentes votaram por aceitar o pedido de ausência de dois eleitores que não poderão comparecer. O cardeal indonésio Julius Darmaatjadja, arcebispo emérito de Jacarta, havia comunicado que não conseguiria tomar parte no conclave por motivo de saúde. Já o cardeal Keith O'Brien, que renunciou ao cargo de arcebispo de St. Andrews e Edimburgo após ser acusado de “comportamento inadequado” nos anos 80, também manifestou que não irá participar da votação. Ele admitiu que sua “conduta sexual” não foi sempre a que se esperava dele.

O conclave Durante o conclave, todos os eleitores ficam confinados na Capela Sistina. Na hora da votação, cada cardeal escreve o nome do candidato escolhido em uma cédula sob a frase “Escolho como sumo pontífice” e deposita seu voto em uma urna. Os nomes escritos nas cédulas são lidos em voz alta pelo cardeal camerlengo, Tarcisio Berto, e seus três assistentes. Será declarado papa aquele que obtiver dois terços mais um dos votos. Com um Colégio de Cardeais de 115 eleitores, o próximo pontífice terá de receber ao menos 77 votos. Se nenhum cardeal receber essa quantidade de votos, as cédulas serão queimadas, uma fumaça preta sairá da chaminé da capela Sistina e a votação será retomada. Se os cardeais não chegarem a um consenso até

Novo papa será escolhido por 115 cardeais, entre eles cinco brasileiros para o posto

o quarto dia de votação, será feita uma pausa para oração e diálogo entre os eleitores. A votação reinicia no sexto dia e vai até o 12º. Outras pausas são feitas no sétimo e décimo dia. Após 12 dias e 34 votações, o sistema muda e a escolha passa a ser entre os dois mais votados no 34º turno. No entanto, permanece o quórum de

dois terços. Quando o novo papa é escolhido, uma fumaça branca sai da chaminé e soam os sinos da basílica como sinal de que a votação chegou ao fim.Após a escolha, o novo papa é apresentado aos fiéis com a frase "Habemus Papam!". Enquanto durar o conclave, os cardeais ficarão

hospedados na Casa Santa Marta, alojamento próximo à capela Sistina, onde acontecem as votações. A fim de garantir o sigilo do conclave, um esquema de segurança foi montado para permitir que os cardeais façam o trajeto entre a Casa Santa Marta e a Capela Sistina sem serem incomodados.

Dom Odilo pode ser a surpresa do conclave

O gaúcho Dom Odilo Scherer é um dos candidatos bem cotados para o posto

Nascido em Cerro Largo, na Região Missioneira, no Rio Grande do Sul, o cardeal arcebispo de São

Paulo, Dom Odilo Scherer, pode ser a surpresa do conclave que começa hoje no Vaticano para escolher

o sucessor de Bento XVI. Essa é a opinião do especialista em religião Daniel Alvarez, da Universidade Internacional da Flórida. Segundo Alvarez, a ascendência alemã de Scherer “o conecta à Europa”, o que fortaleceria sua posição para ser escolhido para assumir o pontificado. O especialista acredita que um embate entre os que querem reformar a administração da Igreja Católica e os que querem manter o status quo estaria pautando a eleição. Um exemplo do embate identificado pelo analista se deu quando o jornal italiano La Repubblica publicou uma entrevista com

um dos “corvos”, uma gíria para delator em italiano e uma alcunha para os que participavam do grupo que vazou informações do Vaticano, no caso conhecido como Vatileaks. Um relatório da situação, que mostraria escândalos financeiros e sexuais, teria motivado a renúncia de Bento XVI e estaria pautando as discussões sobre o novo papa. Outro suposto exemplo da tensão na Igreja foi percebido um dia antes, quando jornalistas aguardavam ansiosos declarações dos cardeais americanos, que vinham concedendo uma série de entrevistas coletivas diárias sobre o pro-

cesso de escolha do próximo papa, mas a coletiva acabou sendo cancelada de última hora. O Vaticano vetou as entrevistas dos cardeais. Pouco depois, os religiosos americanos emitiram uma nota de duas frases que se limitava a dizer que tinham um “compromisso com a transparência”. – Angelo Scola, de Milão, seria o favorito de Bento XVI e de muitos. Schönborn parece ser o

papa de que a igreja precisa urgentemente, mas Odilo Scherer, de São Paulo, pode ser a surpresa do conclave. Sua ascendência alemã o conecta à Europa. Marc Oullet, do Canadá, também não pode ser ignorado. Ele fala espanhol, viveu muitos anos na Colômbia e isso o ajudaria. Tem laços europeus, latino-americanos e norteamericanos – avaliou o especialista norte-americano.

publicação legal CASAMENTOS Edital nº 022/2013

VALECY CABELEIRA BITELO - Oficial do Registro Civil das Pessoas Naturais, faz saber, que se habilitaram para casar por este Cartório: 1 – ALESSANDRO DE CARVALHO NUNES e RAQUEL SANCO LIMA 2 – JÉFERSON BORGES CORRÊA e PAULA STEFFEN BAÑOLAS 3 – RODRIGO FRAGA DE OLIVEIRA e VIVIANE FRANCO TRINDADE Quem conhecer algum impedimento, acuse-o na forma da Lei.

Gravataí, 12 de março 2013 Valecy Cabeleira Bitelo Oficial de registro


Gravataí, 12/03/2013 - Pág. 7

Geral

Fim de semana de novas vistorias em danceterias da cidade Casas noturnas, bares e restaurantes foram inspecionados por força-tarefa da Prefeitura e Corpo de Bombeiros

E

m parceria com o Corpo de Bombeiros a Prefeitura de Gravataí retomou no último fim de semana a vistoria das casas noturnas, bares e restaurantes da cidade. O trabalho vem sendo feito desde o início de fevereiro por uma força-tarefa integrada pelas secretarias municipais de Desenvolvimento Econômico e Turismo (Smedt) e Saúde (SMS), e Corpo de Bombeiros. Desta vez fez a fiscalização foi realizada na noite da última sexta-feira (8) e madrugada de sábado (9). Foram inspecio-

nadas diversas sete casas noturnas pelas equipes de fiscalização do Município e dos Bombeiros. As vistorias, que além das casas noturnas também incluem bares e restaurantes, cumprem uma determinação do prefeito Marco Alba, que ordenou uma inspeção completa das condições de segurança destes estabelecimentos. – Essa é mais uma etapa da força-tarefa, em que vários órgãos se uniram para a fiscalização e que se tornou uma rotina na Smedt. Estamos comprometidos com a segurança

Fotos: Guili Bolfoni

dos usuários – destacou o secretário de Desenvolvimento Econômico, Rafael Evaldt. Falta de Alvará Na vistoria realizada neste final de semana, a ocorrência mais comum foi a falta de alvará, seja de localização, de saúde ou de incêndio. Os estabelecimentos foram notificados e orientados a providenciar a documentação para continuarem funcionando. Ao receberem a notificação, os proprietários têm dez dias para regularizar a situação junto à Smedt.

Fiscalização esteve em sete estabelecimentos no fim de semana

OS VISTORIADOS NO FINAL DE SEMANA PARADISE – Alvará da Smedt em dia. Notificado para providenciar a renovação do alvará do Corpo de Bombeiros. TALISMÃ – Notificado solicitando a apresentação do comprovante de pagamento referente a taxa de fiscalização 2012. PPCI em andamento. CHEGA MAIS BAR E DANCETERIA – Providenciando alteração de atividade, incluindo a atividade de danceteria. Processo de viabilidade 2437/13. PPCI em andamento. LANCHERIA ASA BRANCA (CANTA BRASIL) – Não possui os alvarás do Corpo de Bombeiros, Saúde, e por consequência, o de localização. Proprietário foi orientado a fechar o estabelecimento até que esteja devidamente regularizado. A Viemsa apreendeu mercadorias vencidas como carne e embutidos.

Na vistoria foram cobrados alvarás dos proprietários

Alimentos vencidos foram recolhidos pela fiscalização

Em algumas cozinhas a situação encontrada foi precária

Em alguns casos produtos estavam vencidos desde o ano passado

DAMA DA NOITE – Não possui alvará de localização. Solicitada inclusão de atividade de danceteria. Viabilidade 2412/10. PPCI em andamento. LA MASON DRINK BAR – Possui alvará de localização, porém é necessária que seja solicitada a inclusão de atividade de danceteria. Está sendo providenciando alvará do Corpo de Bombeiros. Também está sendo solicitando a inclusão de atividade e apresentação do comprovante de pagamento referente a taxa de fiscalização 2012. PPCI em andamento. BAR DA AMIZADE – Não possui alvará do Corpo de Bombeiros, Saúde, e por consequência, de localização. Estabelecimento havia sido notificado em 2012, por isso a recebeu auto de infração no valor de 20 UFMS. Proprietário foi orientado pelo Corpo de Bombeiros a fechar o estabelecimento até que esteja devidamente regularizado. A Viemsa apreendeu mercadorias vencidas como carne e demais embutidos. PPCI – Plano de Prevenção e Proteção contra incêndio.

Representantes de 17 CTGs são orientados sobre legalização Antes que a forçatarefa da Prefeitura e dos Bombeiros chegue aos estabelecimentos tradicionalistas, o setor correu para tratar do assunto com o governo municipal, na semana passada. No encontro, coordenado pela Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e Turismo (Smedt), 17 representantes dos Centros de Tradições Gaúchas (CTGs) receberam orientação de procedimentos de segurança e legalização das entidades. A reunião re-

alizada no CTG Aldeia dos Anjos, no último dia 5, foi acompanhada pela Fundação Municipal de Arte e Cultura (Fundarc). Durante o encontro também houve a distribuição de formulários e relação de documentos necessários para o cadastramento dos Centros. A Smedt foi representada por Edson Luciano Gnoatto, responsável pelo cadastramento das entidades. A Fundarc foi representada pelo diretor de Tradicionalismo, Neri Facin.

Fotos: Divulgação/JG

Representantes dos CTGs receberam orientação, formulários e relação de documentos


Gravataí, 12/03/2013 - Pág. 8

Esporte

Aberto o maior evento de futebol amador do Estado Torneio do América reúne 55 clubes neste ano e é parte da programação dos 250 anos de Gravataí

A

38ª edição do maior evento do futebol amador gaúcho, o Torneio do América, foi aberta no último domingo, seguido da primeira rodada da competição, que desta vez terá a participação de 55 equipes de diversas cidades da Região Metropolitana. O ato teve a presença do secretário Luciano Oliveira, da Secretaria Municipal de Esportes (SME), que está apoiando a realização do certame. Representando o prefeito Marco Alba, o secretário participou da cerimônia de hasteamento das bandeiras, juntamente com os vereadores Evandro Soares e Paulinho da Farmácia, além do coordenador de Esportes Regis Tadeu da Rosa. Para o secretário Luciano, o apoio ao torneio tem dois fortes motivos. Além de ser considerado o maior evento do gênero no Rio Grande do Sul, a competição está integrada às comemorações dos 250 anos de fundação do mu-

Fotos: Guili Bolfoni

nicípio. O encerramento, com a premiação, vai ocorrer no dia 14 de abril, em meio às atividades do aniversário. Rodada inaugural O primeiro vencedor na rodada inaugural foi o Remo Futebol Gravataiense, que levou a melhor sobre o Cruzeiro/João Veículos/ Witt Veículos por 2 a 0. O campeão do ano passado, o Grêmio Esportivo Três Estrelas, vai abrir a segunda rodada, no próximo domingo (17), às 9h15, contra o Atalaia Futebol Clube. Conforme o presidente do América, Cláudio Kafão, o torneio segue a tradição no calendário do esporte amador do RS e o apoio oficial do Município assegura a realização de um grande evento para o público que aprecia e valoriza o futebol na cidade. Ele tem a expectativa de que a praça de esportes no bairro São Geraldo lote nas próximas rodadas.

Secretário Luciano representou o prefeito na abertura

Autoridades no hasteamento das bandeiras

Comissão organizadora da 38ª edição do torneio

Cerâmica tem dia de trabalho em dois turnos no Estádio Vieirão Fotos Nataniel Corrêa/CAC O grupo do Cerâmica deu seguimento aos trabalhos preparativos para o início do segundo turno do Gauchão Chevrolet 2013. Os atletas participaram de trabalhos em dois turnos. A manhã foi de treinos físicos no estádio Vieirão. O grupo principal realizou trabalhos na academia e exercícios no gramado. A supervisão ficou por conta da Comissão Técnica, formada por Jorge Bagé, Newton Cruz e Donizetti de Souza e da Comissão de Apoio, com Felipe Linck e Rafal Bohrer. O Cerâmica foca agora na estreia da Taça Farroupilha, contra o Caxias no próximo sábado (16), no Estádio Centenário. Após uma qualificada campanha no primeiro turno, o Cerâmica prepara-se para o segundo turno do Gauchão Chevrolet, onde enfrenta os adversários do Grupo A. Nesta fase, o time joga contra, além de Caxias, Novo Hamburgo, Passo Fundo, Pelotas, Lajeadense, Grêmio e Cruzeiro.

No período da tarde, Guilherme Macuglia comandou um treino técnico. O foco do trabalho foi a repetição de jogadas que podem ser a arma do tricolor de Gravataí contra a forte equipe do Caxias. Após o treino, Guilherme Macuglia declarou que a preparação está tendo algumas dificuldades, devido às baixas no Departamento Médico (DM). — Estamos com importantes atletas em recuperação. Vamos

aguardar as liberações do DM para definir a equipe que enfrenta o Caxias — disse Macuglia, lembrando que é preciso respeitar a equipe da Serra Gaúcha, eliminada da Taça Piratini nas semifinais. Segundo o treinador, o grupo entra no segundo turno com os mesmos objetivos, buscando repetir a campanha feita na primeira fase, com a classificação e sonhando em chegar mais longe.

Coletivo preparou elenco para confronto com o Caxias

Treino físico na academia do clube

Trabalhos no gramado do estádio Vieirão


Gravataí, 12/03/2013 - Pág. 9

Polícia

Idoso é atropelado por motocicleta na parada 64

U

Motociclista que pilotava uma Honda CB 300, ainda não identificado, fugiu sem prestar socorro

m idoso aparentando 65 anos foi atropelado por uma motocicleta Honda CB 300 por volta das 19h30 de ontem, na parada 64. Conforme populares que viram o acidente, o homem aparentando sinais de embriaguês teria tentado atravessar a Avenida Dorival de Oliveira, no sentido Gravataí-Cachoeirinha, na altura do cruzamento com a Rua Soledade. O sinal estava aberto para os veículos no momento da travessia e o piloto acabou atingindo o idoso, que ficou caído na pista central da Dorival. – Ele não prestou socorro. Apenas reduziu a velocidade e depois fugiu. Acho que ele

estava a muito mais de 60 por hora – conta o motociclista Emanuel Campello, 21 anos, de Cachoeirinha, que vinha logo atrás. O jovem viu o idoso caído e passou o sinal vermelho, colocando sua moto como escudo para evitar que a vítima fosse novamente atropelada por outros veículos, já que o fluxo na avenida no horário era intenso. Logo em seguida outro motorista parou seu veículo e ligou o sinal de alerta para reforçar a proteção ao homem, que aguardou pela ambulância do Samu por mais de meia hora. A vítima foi identificada apenas pelo primeiro nome, Hélio, e disse que morava na Rua Uruguaiana, que fica

perto de onde aconteceu o acidente. Houve quem cogitasse que o idoso teria saído de um bar que fica nas proximidades e atravessado a avenida sem olhar para os lados. Enquanto aguardava pelo Samu, imobilizado por populares, o homem aparentava estar consciente embora reclamasse de dores em um dos braços e uma das pernas. A demora na vinda da ambulância da Samu foi atribuída a outro acidente que teria acontecido também na Dorival, próximo à parada 66. Também levou tempo para conseguir avisar a Brigada Militar, porque nas primeiras ligações o número 190 estava ocupado.

Fotos: Claudio oliveira/JG

Idoso ficou caído na pista e foi imobilizado por populares

Emanuel vinha logo atrás e colocou moto como escudo para evitar novo atropelamento

Desarticulada quadrilha do golpe do “Galã do Facebook” com o golpe entre o ano de 2011

pela internet. Uma vítima do es-

seria o mentor da fraude, pres-

e 2012, informou o Delegado

tado de São Paulo perdeu R$ 16

tará depoimento da Delegacia

Leonel Baldasso. Os esteliona-

mil. Outra mulher do estado do

de Polícia de Esteio. Esta pes-

tários criavam um perfil falso

Rio de Janeiro teve um prejuízo

soa teria gastado muito dinheiro

em redes sociais, com fotografia

de mais R$ 100 mil. A Polícia

em viagens pelo Brasil, festas,

de um modelo bem afeiçoado.

Civil ainda não tem como apu-

casas noturnas e jogos de azar

rar o total de vítimas.

e estaria endividada, conforme

O alvo eram mulheres di-

Vítimas eram ameaçadas e obrigadas a depositar dinheiro para os falsários

vorciadas, viúvas e eram con-

Em cumprimento a manda-

vencidas a depositarem grandes

dos de busca e apreensão, na

somas em dinheiro em contas

Rua Pedro Alvares Cabral, Vila

A Polícia de Esteio efetivou

correntes de instituições bancá-

Osório, e Rua Rio Grande, no

contato com a Polícia do Paraná

rias de Esteio, sob promessa de

Centro de Esteio, foram apre-

e está aguardando documentos

casamento.

endidos vários computadores e

referentes a outra mulher vítima

recibos bancários.

naquele estado, no golpe conhe-

documentos apreendidos nas buscas.

A Polícia Civil de Esteio de-

mação de quadrilha. Algumas

Os golpistas agiam em con-

sarticulou ontem uma quadrilha

vítimas são do estado do Rio

junto e as vítimas, caso desistis-

A Polícia Civil está enca-

cido como “Galã do Facebook”.

de estelionatários que praticava

de Janeiro, Paraná e São Paulo

sem de depositar o dinheiro nas

minhando o pedido de prisão

A Polícia Civil alerta para que

golpes em redes sociais pela

e possivelmente de outros esta-

contas bancárias, eram ameaça-

preventiva dos envolvidos e

não se mantenha relações de

internet. Quatro pessoas estão

dos.

das de terem suas imagens do

considera elucidado o crime.

amizades e contatos de qualquer

sendo indiciadas pelos crimes

Os golpistas obtiveram um

rosto em montagem em fotogra-

Na próxima quinta-feira, um

espécie com desconhecidos pela

de extorsão, estelionato e for-

lucro de cerca de R$ 200 mil

fias pornográficas e espalhadas

dos principais suspeitos, que

rede mundial de computadores.

Suspeito de três roubos acaba preso em Alvorada Agentes da 1ª Delegacia de Polícia de Alvorada prenderam A. C. B., de 30 anos de idade, por prática de roubo e porte ilegal de arma, no município. Segundo o delegado Maurício Barison Barcellos, o suspeito

é investigado pela prática de três roubos ocorridos no município, além da prática dos delitos de furto e porte ilegal de arma de fogo. – Com a prisão, pretende-se informar vítimas de outros crimes ocorridos de

modo a comprovar a atribuição da autoria dos delitos ao preso – completa o delegado. Após os trâmites legais na delegacia, o indivíduo foi encaminhado ao Presídio Central.

Homem tinha antecedentes por vários crimes


Entretenimento

Resumo de Novelas

Exposição reúne obras de artistas locais em cinco seções

Exposição “Acervo” está aberta no Quiosque Mostra traz obras de artistas locais doados ou premiadas pela Fundarc

© Revistas Revistas COQUETEL COQUETEL 2011 2011 ©

A musculatura que Englobados as atividades ContradiCetáceo marinho Erupção faz a sístole e a gases do e serviços comércio ção;que inconse alimenta de diástole estômago gruência O do tato Incapacidaapenas no verão pela Rádio boca de do é a pele cego(símbolo) Enrolado País mais oriental do Caribe Período em que surgiram os mamíferos Classificação da pedofilia (pop.) Pai do cônjuge Resposta da rejeição O Estadoproblema sede da que ainda Coca-Cola não foi (EUA) resolvido Sem gosto (bras. SP) Monograma de "Joana" Letra que A polpa identifica como da a damaa no manga baralho

Surgir como consequência de

Obra de Manuel Camas Raça Bandeira canina (Lit.) de lona Ser divino, Todo, em Objetos Nota de costura musical na Índia "onipotência"

Aluguel, em inglês Prata (símbolo) Somar, em inglês Decorei; enfeitei

Plantação de roseiras

Animação intensa (gíria)

Passado Imposto Territorial Rural (sigla)

I

Clássico Decifra o do escrito Cinema Canal da japonês TV a cabo

Pelo da orla das pálpebras

Fardo; peso A minha pessoa

Berço do Acampacaratê mento, Real, peso em inglês e dólar

Número de presos na solitária

Brinquedo Referente feitoventos com aos aro de Liga; plástico junta

Ajuda, em inglês Etnia dos sérvios Possui (?) de frente: encarar

O Símbolo do carbono 50, em romanos

Cada fruto do cacho de uvas

Ernesto Coordena Geisel, exeleições presidente no Brasil (sigla) do Brasil Tecla de micros (Inform.)

Grandes; elevados A Recibo estrutura para autôde estranomos das do (sigla) país

Que serve para descansar

Cobrir uma superfície com pasta

D

Gás Natural Veícular (sigla)

Macaco de pesquisas científicas (latim)

Escrava de Sara (Bíblia) Despidos

OLaura DeusSol, na Dern, Mitologia atriz dos egípcia EUA

Obstruir (o fundo de um rio)

Solução Solução Solução anterior

I

AO RR RG ÃO O T ON

EO U L R EI D RV AE R

I

E

C AL RA D IO ARC AN

EP SO TO RD EL LE A DE AM TA AS RS DA ER

BANCO BANCO

M DA OD EC NE VA ID AS A AL RT GE AN IT NT TE OS ET O S EG AU LR NE TA

58 54

E SO LL AH VA AR

Cadastro A fundação está fazendo um arquivo de identificação das obras doadas e premiadas que sirva de registro, pois não existe nenhum cadastro dos artistas que já doaram para o acervo. Sendo assim, a Fundarc convida os artistas participantes que têm obras expostas, que se identifiquem ao visitar a exposição, para que sejam registradas todas as informações referentes a cada peça do acervo. O Quiosque da Cultura fica na Praça Leonel de Moura Brizola, em frente ao Hospital Dom João Becker e funciona das 9h às 18h.

PALAVRAS CRUZADAS DIRETAS

www.coquetel.com.br www.coquetel.com.br

S BE T AO GR T CE IR LC II OA R NI

O Quiosque da Cultura, localizado na Praça Leonel de Moura Brizola traz outra exposição para ser visitada pela comunidade. Até o dia 17 de março está disponível para visitação a mostra “Acervo Fundarc: Arte através dos anos”. A promoção e da Fundação Municipal de Arte e Cultura (Fundarc) e traz a público obras que foram doadas e/ou premiadas pela instituição desde seu surgimento, destacando o potencial criativo dos artistas que vêm protagonizando a história da arte no município. A exposição se subdivide em cinco seções, apresentando os estilos aos quais cada obra em exposição faz referência: naturalista, expressionista, surreal, abstrato e contemporâneo. Frases de artistas representativos de cada estilo ilustram as seções e ajudam o público na leitura das obras. A exposição revela, assim, que a arte pode ir muito além da questão do gosto, extrapolando limites continuamente para que o artista apresente seu testemunho sobre uma época e a sua forma de ver o mundo. Os artistas que têm obras expostas no Quiosque são Darcila Osório Ribeiro, Denise Pacheco Lopes, Denize Domingos, João Francisco Alves, Lúri, Namie, Nardini, Projeto Barco de Papel, Zélia Maria Alves Dêntice, Zelly e Waldemar Max.

UO S

Os resumos dos capítulos de todas as novelas são de responsabilidade de cada emissora

Nara Gomes Massulo - Nutricionista - naramassulo@terra.com.br

B A GR OS

Balaco baco Arnaud mira em Tais e pede a permissão de Norberto para matá-la, mas o vilão proíbe. Dóris conta para Diva sobre a visita de Mirela e Isabel, mas não revela o pedido da arquiteta. André afirma que Danilo está tentando ser um homem melhor para Catarina. A modelo brinca com a situação e recebe Lucas. Apavorada com a possibilidade de Norberto estar vivo, Diva pensa em maneiras de avisá-lo que é sua aliada.

u Modo de preparo Bata o leite condensado, o leite de vaca, a manteiga, o chocolate em pó e os ovos no liquidificador. Unte uma forma com buraco no meio e polvilhe com açúcar. Ponha a mistura liquidificada na forma e leve ao forno para assar em banho-maria por mais ou menos 1 hora a 150ºC.

CM AO ME PD A PS

Salve Jorge Berna conta para Helô que Adalgisa é Wanda e que ela está envolvida no sequestro de Aisha. Theo enfrenta Lívia. Haroldo fala para Stenio que Drica quer voltar com Pepeu da Turquia. Rosângela fala com uma menina na praia com más intenções. Helô busca Aisha no aeroporto. Mustafá sente falta das joias de Berna e a questiona. Passamse dois meses. Theo e Érica reatam e decidem morar juntos. Waleska volta para a boate. Wanda suspeita de que Lívia esteja apaixonada por Theo.

u Ingredientes 2 latas de leite condensado, 1 lata de leite de vaca, 1 colher de manteiga, 200gr de chocolate em pó, 4 ovos e açúcar suficiente para polvilhar a forma.

A BN T AC S LO G EN IS P AE JQ S UU BE BU AN RC V TI R EA

Guerra dos sexos Charlô não consegue atingir a meta estipulada na aposta. Lucilene confunde Dominguinhos com Otávio. Nando conta para Roberta que Veruska o beijou. Roberta não acredita que Nando não teve nada com Veruska. Charlô se recusa a aceitar o resultado da aposta. Dino comenta com Vânia que Roberta pode tentar abrir outro negócio, antes de entregar a Positano para Felipe. Veruska e Nenê conhecem Moysés, amigo de Vitório e Otávio. Carolina escuta a conversa que Charlô tem com sua equipe na biblioteca.

Culinária JG

Malhação Acompanhada de Paulina, Tatá visita a irmã. Rosa assiste ao vídeo sobre Pilha e Marizete na TV Orelha e fica furiosa. Fatinha se surpreende ao saber que Luana é ex-namorada de Vitor. Ju e Gil falam de Luana para Lia. Rosa expulsa Marizete de sua casa. Raquel diz que Lia já está bem para voltar à escola, mas Paulina pede que a menina confirme com Lorenzo a permissão FLOR DO CARIBE Dionísio não gosta de saber que Alberto deu o anel da avó para Ester. Alberto avisa ao avô que quando chegar a hora vai acabar com o noivado de Ester e Cassiano. Alberto é surpreendido com a greve dos salineiros. Ester esconde de Samuel o anel dado por Alberto. Samuel presenteia Ester com uma aliança de noivado. Ester conta a Lindaura que ficou noiva de Cassiano.

BRIGADEIRÃO

Foto Divulgação/JG

3/add — tnt. 6/poodle rhesus.—7/oriente. cretáceo. 3/aid — rpa.—4/camp deva — 8/assorear rent. 5/advir.—7/geórgia.

Gravataí, 12/03/2013 - Pág. 10


Gravataí, 12/03/2013 - Pág. 11

Geral

Gnomo Chocolito retorna para animar a Chocofest

U

Áries: Lua Nova em Peixes torna você mais fechado e reflexivo e questões relacionadas às escolhas do passado podem retornar para definições. Os trabalhos executados individualmente ganham um novo ritmo.

Personagem criado na 1ª edição do evento chega a Gramado em grande estilo na sexta-feira

m personagem criado antes mesmo da primeira edição do Chocofest volta a Gramado neste ano. O Chocolito, um alegre gnomo saído das florestas serranas, trajando a típica malha que caracterizava a região na época em que foi “concebido”, chega à festa como a principal atração de 2013. Ele será apresentado à comunidade e visitantes durante a solenidade de abertura do evento, na próxima sexta-feira (15), às 16h, no Planeta das Guloseimas (Rua Coberta). A criatividade do design Paulo Cardoso e o talento da artista plástica Nancy Vaccari de Medeiros deram origem ao boneco, em 1993. O Chocolito ganhou vida ao pegar no colo a pequena Laura Vaccari de Medeiros, filha de Nancy e na época com cerca de seis meses de idade.

– É uma surpresa rever as fotos e notícias daquele tempo – diz Laura, que está com 20 anos e é estudante de Hotelaria. Nancy, que trabalhou em todas as edições do evento e neste ano é responsável pela decoração do Planeta das Guloseimas, guarda todas as lembranças da criação do Chocolito e se emociona ao contar os detalhes que envolveram a construção do boneco. Cardoso é nascido em São Francisco de Paula e tem familiares em Gramado, onde passou a maior parte de sua vida. Hoje residindo em Florianópolis (SC), relembra com carinho como surgiu a proposta de criação de um personagem-símbolo às promotoras do evento, Marta Rossi e Silvia Zorzanello. – Foi quando pude deixar minha marca de traba-

A versão original do Chocolito, lançada na primeira edição do evento, em 1994

lho em vários ambientes – lembra. Fã de cartoons e extremamente identificado com Gramado, em muitos dos seus aspectos, Cardoso chegou a ser gerente de duas fábricas de chocolate e realizou o Festival Nacional do Chocolate, na década de 1980. – Era um evento interno para um fabricante, mas acabou sendo o embrião de muitas coisas que fiz a serviço do chocolate gramadense. Cheguei a criar dois personagens para duas fábricas antes disso: o Boneco de Neve e o Fofucho. O Fofucho não saiu do papel e se tornou uma espécie de precursor do Chocolito – lembra. A artista plástica Nancy recorda que Cardoso levou o projeto do Chocolito a ela, mostrando um boneco bem-humorado, que vivia nos bosques de Gramado, e escondia para o coelhinho doces de chocolate para as crianças. – Era uma espécie de gnomo, mas com dentinhos de coelho – diz. O personagem foi o primeiro boneco de vestir que ela produziu. – Ele foi feito para apresentarmos durante a Feira da Abav (evento de turismo), como a peça principal de divulgação do Chocofest – conta Nancy. Sinopse Após uma Páscoa cheia de emoções, marcada pela

Foto Divulgação/JG

Touro: Lua Nova em Peixes vai movimentar ainda mais seus contatos e possibilitar novos contratos com grandes empresas, clubes ou instituições. O momento é ótimo para a vida social e novas amizades. Gêmeos: Lua Nova em Peixes movimenta ainda mais sua carreira abrindo mais portas importantes para o seu sucesso. O momento é ótimo para começar novo trabalho ou mesmo um projeto.

Nancy e a filha Laura os recortes e fotos da época da criação do boneco

chegada da Vovó Duquesa, o nosso amigo Conde Guloseima partiu para uma aventura de dar nó nas orelhas. Determinado a entender a origem do Chocofest, queria saber quem era o “coelho número 1” da festa. Mas sequer encontrava o rastro de suas patinhas. Só que de tanto investigar, acabou se tornando um herói. Sem ter noção, ele conseguiu tirar o Chocolito de um lugar distante, onde ficou por muitos anos preso. E em 2013, nosso coelhinho mais tradicional volta ao Chocofest, para resgatar uma história que promete encantar crianças e adultos. O CHOCOFEST O Chocofest – Páscoa em Gramado será realizado de 14 a 31 de março. Toda a magia da época é traduzida em desfiles, teatro, brin-

cadeiras e muita alegria. Em sua 18ª edição, a festa toma as ruas da cidade da Serra gaúcha e leva cerca de 350 mil pessoas a conferir a programação durante 18 dias. A religiosidade marcada pela data também é garantida com o Gramado Aleluia. O desfile de Páscoa Um ChocoAmor à Terra, a Parada do Conde Guloseima, o espetáculo “O Mundo Encantado da Páscoa”, a exposição de ovos gigantes feitos por artistas plásticos, a Caravana do Conde Guloseima, o Leilão de Ovos Customizados, o espaço do Coelho Reciclador, o desfile de moda em chocolate e a Fabriquinha de Chocolate, entre muitas outras atrações esperam por quem visitar o Chocofest. Mais informações no site www. chocofest.com.br.

Câncer: Seu regente começa um novo ciclo no signo de Peixes e movimenta ainda mais seus projetos de viagens e estudos que dominarão as suas investidas nos próximos dias. Momento de renovação da fé. Leão: A fase envolve mudanças e agora com a Lua Nova em Peixes elas começam efetivamente a acontecer. Uma nova sociedade comercial ou parceria de negócios pode ser firmada e promete trazer benefícios financeiros. Virgem: Lua Nova em Peixes vai movimentar ainda mais os relacionamentos, tanto os profissionais quanto os pessoais. Promessa de vida social intensa e de novas amizades surgindo. Um namoro pode começar. Libra: A Lua começa um novo ciclo em Peixes e movimenta ainda mais questões relacionadas ao trabalho e saúde. O momento é ótimo para começar em um novo emprego ou bom programa de saúde. Escorpião: Lua Nova em Peixes movimenta ainda mais seu coração e pode trazer um novo amor, caso ainda esteja só. Se for comprometido, poderá sentir uma forte renovação no relacionamento. Paixão e romance em alta. Sagitário: A Lua começa um novo ciclo agora no signo de Peixes e sua vida doméstica de alguma maneira é renovada. Uma mudança de casa ou a venda de um imóvel pode acontecer durante as próximas três semanas. Capricórnio: A Lua começa um novo ciclo em Peixes e questões relacionadas à comunicação são movimentadas ainda mais. A apresentação de um projeto, palestras e reuniões de negócios são amplamente beneficiadas.

Cinzas e Sangue Exilada da Romênia desde que seu marido foi assassinado há dez anos, Judith (Ronit Elkabetz) vive em Marselha com seus três filhos. Após se recusar a ver sua família durante anos, e apesar dos seus medos e segredos, ela se deixa convencer pelos filhos e aceita um convite para o casamento do sobrinho. Eles vão passar o verão no país natal, descobrindo suas raízes e seu passado. Mas a volta de Judith revive velhos ódios entre clãs rivais e desencadeia uma espiral de violência.

Aquário: Lua Nova em Aquário vai movimentar ainda mais questões relacionadas às finanças. É possível que um novo projeto comece a dar frutos concretos. O momento é ótimo para mudar de emprego ou começar um novo projeto. Peixes: A Lua começa um novo ciclo em seu signo e continua movimentando vários setores de sua vida. O momento, apesar de ser basicamente emocional, pede certa racionalidade, pois pode trazer ilusões.


JORNAL DE GRAVATAÍ www.jornaldegravatai.com.br

Terça-feira, 12 de março de 2013

Festa do Alemão beneficia Associação de Deficientes Visuais Quinta edição do evento realizado pelo Rotary Club Gravataí aconteceu no último sábado animado pela Banda Munich

Q

uem está comemorando a 5ª Festa do Alemão é a Associação dos Deficientes Visuais e Amigos de Gravataí (ADVA), que vai receber a renda do evento, promovido pelo Rotary Club Gravataí no último sábado, no salão de eventos do Cerâmica Atlético Clube. A festa teve animação da Banda Munich, de Santa Cruz do Sul, que contagiou os convidados que se divertiram e degustaram a comida germânica. A Festa do Alemão é um dos eventos tradicionais de início de ano no Município, unindo diversão e gastronomia típica alemã, como forma de arrecadar recursos financeiros para que o Rotary Gravataí possa para implementar seu trabalho so-

cial na comunidade gravataiense. Além da ADVA, a renda dessa edição também será revertida para o Banco de Alimentos de Gravataí. O Banco de Alimentos de Gravataí foi fundado pelo clube de Rotary em parceria com outras entidades municipais e atende creches e asilos do município, na doação de alimentos perecíveis e não-perecíveis. A ADVA é uma entidade que atende pessoas portadoras de deficiência visual, buscando uma melhoria na qualidade de vida deste público. A entidade tem no Rotary Gravataí um de seus colaboradores nos projetos e na aquisição de materiais necessários para execução das atividades da associação.

O presidente do Rotary Gravataí Silvio Bittencourt e Silva agradeceu a presença de todos no evento, que além de aproveitarem a festa para sua diversão ainda contribuem para as ações sociais do clube. O presidente da Comissão Organizadora da Festa do Alemão, Silvio Egon Klein, agradeceu os patrocinadores do evento e lembrou que estavam colaborando com duas entidades que prestam um grande serviço no município. Além da boa música da banda Munich e da comida germânica preparada pelo Dom Silvio, os convidados foram contemplados com vários brindes oferecidos pelos patrocinadores e sorteados durante a festa.

Foto Divulgação/JG

Quinta edição da Festa do Alemão foi animada pela Banda Munich de Santa Cruz do Sul

Decoração no estilo germânico para receber os convidados

Silvio Klein e esposa, presidente Silvio Bittencourt e esposa, Albrecht Schott e esposa

Dom Sílvio e sua equipe na cozinha


ANO 8 - EDIÇÃO 1658ª - DIÁRIO - TERÇA-FEIRA, 12 DE MARÇO DE 2013 - R$ 1,00