Issuu on Google+

► ENQUETE JG

► LUZ AMARELA

O que você tem a dizer sobre a prevenção da dengue em sua casa? Pág. 3

Vigilância intensifica ações de prevenção à dengue Pág. 7

ANO 8 - EDIÇÃO 1644ª - DIÁRIO - SEXTA-FEIRA A DOMINGO, 22, 23 E 24 de fevereiro DE 2013 - R$ 1,00 Circulação nos municípios de Gravataí, Cachoeirinha, Glorinha e Santo Antônio da Patrulha

► POLÍCIA

Operação Serra Talhada prende 41 suspeitos na Região

► TRANSPORTE PÚBLICO

Estudo da redução das passagens municipais fica pronto hoje Pág. 5

► ESPORTE

Ofensiva integrada da Polícia Civil e Brigada Militar reuniu 450 agentes no cerco ao Morro do Paula, para Sexta para escolher desarticular quadrilhas envolvidas em crimes como assalto a bancos, roubo a cargas, furto de veículos, homicídios a Musa do Cerâmica e latrocínios em Gravataí, Cachoeirinha, Porto Alegre, Novo Hamburgo, São Leopoldo e Sapucaia do Sul

2013

Pág. 8

► VEÍCULOS & CIA

O ecológico Mille está com os dias contados

Pág. 9

Encartado


Opinião / Serviços

Gravataí, 22, 23 e 24/02/2013 - Pág. 2

Economia

AS GRAVATADAS

LOTERIAS -

QUINA - Conc. 3125 - 21/02/2013

STF autoriza trabalhador que adiou aposentadoria a ter benefício revisado O Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu nesta quinta-feira (21), por seis votos a quatro, dar o direito de revisão da aposentadoria a trabalhadores que, mesmo em condições de requisitá-la, continuaram a trabalhar por mais tempo e acabaram ficando com benefício menor do que teriam se tivessem se aposentado antes. Atualmente, o Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) não aceita esse argumento para fins de revisão da aposentadoria. O instituto só revisa o benefício quando há irregularidade na concessão. Segundo o INSS, desde 1991, uma lei obriga o instituto a sempre considerar - diante de mais de uma possibilidade - o melhor benefício para o aposentado. De acordo com a decisão do Supremo, os aposentados que adiaram a aposentadoria não poderão pedir o pagamento do valor retroativo. A vigência do novo valor será a partir da data do pedido de revisão, segundo o STF. Os aposentados em situação semelhante que não ingressaram na Justiça também poderão requisitar a revisão do benefício ao INSS. No entanto, quem se aposentou depois de 1997 - quando entrou em vigor a lei do prazo decadencial para questões previdenciárias - tem 10 anos a partir da concessão da aposentadoria para pedir a revisão. O Supremo tomou a decisão no julgamento do caso específico de um aposentado que queria o direito de mudar a data de início do benefício, uma vez que isso aumentaria o valor de seu vencimento. Esse trabalhador esperou para se aposentar com mais idade, em 1980, e percebeu que a aposentadoria ficou menor do que se tivesse pedido antes, em 1979, quando já tinha atingido os requisitos mínimos para pleitear o benefício. Ele reivindicou ainda o direito a receber a diferença nos mais de 30 anos que se passaram, mas isso foi negado. No caso desse aposentado, o benefício ficou menor porque ele passou a ter um salário mais baixo, o que reduziu a média de contribuição à Previdência Social. Como foi reconhecida em 2009 a repercussão geral no processo, a decisão do STF terá de ser aplicada em casos semelhantes de instâncias inferiores. Em relação a esse tema, levantamento do Supremo aponta que, somente em 14 tribunais, 428 processos estavam parados à espera de decisão do STF. Argumentos contrários O processo foi discutido pelo plenário do Supremo em fevereiro de 2011, mas a decisão acabou adiada por um pedido de vista (mais tempo para analisar o processo) do ministro Dias Toffoli. Ao retomar seu voto, Toffoli rejeitou a possibilidade do pedido de revisão. Ele foi acompanhado pelos ministros Cármen Lúcia, Ricardo Lewandowski e Gilmar Mendes. Mendes foi contrário à tese por entender que a Previdência passaria a ser alvo de “algo lotérico”. “Isso faz com que o sistema se torne alvo de algo lotérico porque, depois, passam anos, meses, e a pessoa pensa: ‘Eu não teria sido feliz se eu tivesse saído [me aposentado] antes?’. [...] Isso trará um quadro enorme de insegurança jurídica com reflexo em todo o sistema que busca um equilíbrio”, disse, mencionando o déficit da Previdência.

Registro nº 39987 do Livro A-4 Filiado à ADJORI

Representante Comercial: (51) 3272-9595

jornaldegravatai@terra.com.br jornaldegravatai@gmail.com

Publicação da Empresa Gráfica Jornal 2M Ltda. CNPJ nº 03.851.285/0001-62 Tiragem – 8.000 exemplares Diretor geral: Moacir Oliveira Menezes Diretor administrativo: Gabriel Diedrich Departamento comercial: Adilson Mendes Redação: Katterina Zandonai e Claudio Oliveira Diagramação: Giulliano Pacheco Colaboradores: Iara Maurente e Edenir Raupp Avenida Dorival Cândido Luz de Oliveira, nº 6125 - Pda. 64 CEP 94.060-001 - Gravataí - RS - Brasil Telefones: (51) 3423.1792 - 3421.3381 Os textos assinados são de responsabilidade de seus autores.

40 - 44 - 45 - 52 - 64 PREVISÃO DO TEMPO

SEXTA-FEIRA- Mín. 19°, Máx. 26° Sol com muitas nuvens durante o dia e períodos de céu nublado. Noite com muitas nuvens. SÁBADO - Mín. 18°, Máx. 28° Sol com algumas nuvens. Não chove DOMINGO - Mín. 20°, Máx. 33° Sol com algumas nuvens. Não chove.

mmgravatadas@hotmail.com.br

Lixo eletrônico: onde descartar? Com os avanços da tecnologia e o aumento do poder aquisitivo das pessoas, o número de aparelhos desse tipo é infinitamente maior que nas décadas de 80 e 90. Afinal, estamos no século XXI, onde empresas e pessoas trocam com mais frequência de computador, celular e outros aparelhos tecnológicos. Mas, onde depositar o “lixo eletrônico”? Aquelas sobras que entulham nossas prateleiras? Está na hora de alguém em Gravataí tomar uma providência. Voltaremos... Prezados leitores, esta coluna também é sua, para falar conosco ligue 3423.1792.

Iara Maurente Jornalista - e-mail: iaramaurente@yahoo.com.br

Opinião Meu pai contava histórias hilárias e quanto mais detalhes acrescentava, mais “floriava”, dizia - porque sem floreios eram as histórias curtas, não menos engraçadas, mas diretas e rápidas, como um jab de esquerda do Cassius Clay. Em Jornalismo, que dispensa floreios, mas exige o máximo possível de informações a respeito de um assunto, as histórias precisam ser também verdadeiras, falar sobre pessoas de carne e osso, lugares reais, fatos. Quando pessoas expressam opinião pessoal, por qualquer meio, estão exercendo plenamente seus direitos individuais do ponto de vista legal e humano. Quer falar? Fala!! O que é oposto ao jornalismo que pretende informar – apenas informar. Esta atividade requer extremo cuidado com as palavras. Não para fazer um belo texto, apenas, mas para levar a quem se informa por aquele veículo, a transposição o mais fiel possível do que foi dito pelo entrevistado. Muito diferente de opinar sobre o que foi dito na entrevista.

Vivemos na era do pessoal-coletivo amplamente difundido nas redes sociais, nas quais todos são da rede sendo cada um sua própria rede. Neste meio, fazer “jornalismo de opinião” ficou sendo mais rápido, mais fácil, econômico e polêmico. E, quando há opinião, acreditem, não há jornalismo. E não confunda opinar com sentir ou solidarizarse em ocasiões específicas. Observar um fato, conversar com as pessoas envolvidas e compartilhar com os demais, são a essência do jornalismo. É óbvio que sendo humanos, jornalistas estão suscetíveis a muitos fatos. Então, proteja-se dos “opinadores”, se é que posso lhe dar minha opinião... Eu acho Eu acho que ando bem perdida. Não ria, é verdade... Nos últimos tempos tenho achado tudo muito estranho. Olho em volta e vejo dois adultos que moram aqui em casa...muito parecidos com aquelas crianças que eu criei, mas já não são mais eles. Muito estranho

(kkkk). Dia destes, relendo “A coleira do Cão”, do Rubem Fonseca, fiquei tentando lembrar quando foi que fecharam as lojas de disco do centro da cidade? E aquela sinaleira, por que está atrapalhando o passeio que antes era livre pela minha rua de infância... Revi o álbum de fotos de lá estavam muitas eus que não nem lembro como eram. Pessoas que em mim já existiram, mas que não passam de brumas, perdidas em muitos momentos de perplexidade, quando me pergunto “era eu?” E a certeza da foto em papel, com aqueles sorrisos parados no tempo a me dizerem “sim, Iara...” - e parece que escuto minha própria risada... Não...não é o alemão. Acho que não... Eu acho que é mesmo a passagem do tempo que está me fazendo uma pessoa diferente, bem diferente. O que torna a sensação de estar perdida muito adequada, não é mesmo? Então, eu acho que estou perdida, mas também estou achando bem interessante....

Uma década O PT comemorou esta semana dez anos do poder, sendo oito, com dois mandatos de Lula e mais dois anos, com Dilma. Acho justa e merecida a comemoração. Há uma década o governo do Brasil passou de observador e até fomentador da própria pobreza a ator do resgate social e humano de milhares de pessoas. Pelo menos, os resultados dizem isto. Ah..fale-me de corrupção, fale...E eu te perguntarei se ela foi inventada pelos governos do PT, ou, o que era feito em favor do combate a estas práticas antes? Se sou petista? Não, não me confunda. Eu apenas reconheço que os dois governos e meio do PT fizeram muitas coisas boas, e sendo assim, não havia nenhuma razão para não comemorar. Contudo, sem perder a consciência ou a responsabilidade eleitoral. Como já foi dito, quem errou que pague pelo erro cometido.


Geral

Gravataí, 22, 23 e 24/02/2013 - Pág. 3

Prevenção à dengue é tema da Enquete JG

S

Leitores opinaram sobre responsabilidade individual da população e sobre o trabalho dos agentes do Município via Facebook

eguindo uma lista de temas préselecionados, os leitores do JG participaram de mais uma edição da Enquete JG. Publicamos a seguir alguns dos posts. Eles responderam à pergunta: O que você tem a dizer sobre a prevenção da dengue em sua casa?

“Acredito ser uma parceria válida no momento em que a presença dos agentes permite que os moradores reflitam sobre a conscientização! No entanto, muitas vezes, as pessoas não permitem a fiscalização, não estão presentes para que o agente a faça ou até mesmo a própria não é feita de maneira que contemple todos os locais... é superficial!”. Gi Silva

“Acho o trabalho dos agentes importantíssimo e ele é feito, mas cada um tem de fazer a sua parte! ... Quanto ao comentário do Sr Eduardo Moller de Jesus, acho que ele está equivocado. Fomos treinados e orientados para fazer este trabalho. Não somos mal educados, pelo contrário temos muita educação e paciência para informar o que for necessário”. Regismari Soares “A maioria das pessoas é de uma irresponsabilidade tremenda. Não há quem não saiba como se prevenir do problema. No entanto, dão de ombros para a prevenção. É a velha história: isso jamais vai acontecer comigo. E, além de não se prevenir, não deixa as equipes de combate entrar no seu terreno”. Umberto PCaletti “Muito importante, no meu bairro eles têm vindo sempre, mas eu já estive em uma borracharia e vi vários pneus cheio de água podre. Deveriam visitar estes lugares também e punir se não cuidar. Em minha casa foram muito educados, se identificaram e pediram para entrar”. Izolete Braun “Eu estou contente com o trabalho dos agentes, sempre muitos educados, pois já fui visitada pôr várias equipes e nenhuma delas tenho algo a reclamar. Eles estão fazendo seu trabalho e o nosso é cuidar para que não haja nenhum foco. A conscientização tem que ser por parte das pessoas, como no caso citado pôr nossa amiga Izolete Braun”. Marilene Braga “Na minha casa tá tudo bem, mas façam uma visita perto do viaduto aqui no Parque dos Anjos. A quantidade de pneus empilhados cheio de água, ali mora o perigo...”. Noeli Almeida de Marins

“Temos atualmente, só 59 agentes para cobrir toda a cidade, e não há desmotivação, nem ação fraca, estamos com poucos agentes apenas, e rendemos muito, Sr. Carlos Eduardo Souza Fernandes, claro que quando o número de agentes e veículos está pleno, cobrimos 100% da cidade a cada dois meses. Srª Izolete Braun, as borracharias estão sendo vistoriadas a cada 14 dias. O acúmulo de pneus está ocorrendo momentaneamente por problemas alheios a nossa vontade, pois a coleta destes é efetuada por outras secretarias. Caso não estejam sendo efetuadas as devidas vistorias no local relatado ligue para a Vigilância em Saúde, no 3497-3671 e nos passe o endereço. Srª Noeli essa borracharia é vistoriada a cada 14 dias”.

JB Ziegler

Essa é uma coluna do povo para criticar elogiar e botar a boca no trombone sobre aquilo que os leitores entenderem por certo ou errado. Entre em contato com a redação, pelo telefone 34213381 ou mande seu e-mail para jornaldegravatai@terra.com.br. Junto mande seu telefone e endereço.

MENSAGEM DO DIA Apague com um sorriso toda a tristeza que lhe invade a alma. Assim não dará aos que te odeiam a alegria de te ver chorando, mas dará aos que te amam a alegria de te ver sorrindo. Há duas fontes perenes de alegria pura: o bem realizado e o dever cumprido. Feliz é aquele que vê a felicidade dos outros sem ter inveja. Lembrem-se que o sol é para todos e a sombra para quem merece. E não esqueçam: “Se Cristo vos libertar, verdadeiramente sereis livres”. DE ESTILINGUE À VIDRAÇA A leitora Danuza escreveu: “Engraçadíssimo, o PT ser a favor do povo agora. Quando era governo, nada era feito. Inclusive aquele “mais transporte para todos” não passou de uma grande mentira da cassada. Inverteram algumas ruas nos itinerários e ficou por isso mesmo. Andávamos de ônibus na época, na linha Natal e sabemos muito bem disso. O que ocorre é que o Jornal de Gravataí, realmente noticiou que o poder executivo (prefeitura) já analisava uma possível redução no valor das passagens de ônibus. As cobranças têm que ser feitas sim, com certeza, mas com coerência”. Sobre o mesmo assunto Julia escreveu: “Em mais uma de suas jogadas políticas, o PT jogou mais uma vez contra a população. Em um golpe de oportunismo, o vereador Carlito encaminhou para Câmara um requerimento para redução das passagens, sendo que esse projeto já estava sendo estudado pelo Prefeito e as secretarias competentes, como podem ver em matéria do Jornal de Gravataí. ESGOTO A CÉU ABERTO Ontem pela manhã a coluna recebeu um telefonema de dona Arina, moradora da rua 25 de Fevereiro (Bairro São Geraldo) parada 69 – segunda quadra da rua da Delegacia. Ela disse que já está cansada de tanto ligar para a Prefeitura, Corsan etc, mas que o problema já tem alguns anos e ninguém resolve. Ela também relatou que aquela área deveria ser atendida pelo chamado “Pró-Guaíba”, mas que a obra parou pela metade virando um esgoto a céu aberto que além de invadir o pátio das casas ainda resulta em mau cheiro. Atenção Prefeitura, sabemos que agora as coisas estão sendo resolvidas mais rapidamente, portanto, por gentileza, vamos atender mais esta reclamação. O povo agradece! LEITOR ASSÍDUO O leitor Fabiano Sewiki da Silva escreve para nós e afirma o seguinte: “Acompanho regularmente a Coluna do Silva, que funciona como um canal direto dos moradores de nosso município com as lideranças políticas de Gravataí. Considero um trabalho de grande valia, pois aproxima a população da Administração Pública, seja para denunciar seus descontentamentos ou então para elogiar as atitudes da atual gestão. Sou engenheiro e trabalho junto à Câmara de Vereadores no Gabinete da Solidariedade, e gostaria de me colocar à disposição para auxiliar na resolução de problemas informados na coluna”. LEITOR ASSÍDUO II “Hoje ao ler a mesma vi que os problemas dizem respeito a má conservação da infraestrutura municipal. Nesse tipo de questão posso interceder diretamente junto a Secretaria de Obras de nosso município para tentar auxiliar na resolução dos mesmos. Gostaria de ter acesso aos dados dos reclamantes para entrarmos em contato com os mesmos e juntos tentarmos resolver o mais rápido possível esses problemas. Aguardo seu retorno”. Ok Fabiano, vamos fazer essa ponte...

Senha- do dia:

“Um por todos, e todos por um hospital...!”


Opinião

Gravataí, 22, 23 e 24/02/2013 - Pág. 4 ­

e-mail:gabriel.diedrich@jornaldegravatai.com.br - Fone: 3421.3381

“Quando falamos de história, temos o costume de nos refugiar no passado. É nele que pensamos encontrar nosso começo e nosso fim. Na realidade, este é o inverso: a história começa hoje e continua amanhã”. D. N. Marinotis

Lauro Pimentel (Interino)

Alan na Olenca Valente O vereador Alan Vieira foi recebido pela diretora da Escola Municipal de Ensino Fundamental Professora Olenca Valente, Márcia Helena Frohlich, no bairro Vila Rica. A escola espera há mais de dois anos pela construção de uma quadra poliesportiva, conquistada por meio do programa Mais Educação, do Governo Federal. – Como todos sabem, valorizo muito as questões relacionadas à educação e ao esporte. Por isso, vou priorizar esta antiga demanda da comunidade e interceder junto ao prefeito para que este sonho se torne realidade. Primeiramente, o orçamento da obra terá que ser refeito, pois os antigos valores não correspondem aos atuais. Devido à defasagem dos preços, torna-se necessária uma contrapartida da prefeitura – declarou o vereador. O conselheiro tutelar Joelson Cardoso também esteve presente no encontro. Ele disse que a construção da quadra é extremamente importante, pois aquela região é muito carente e necessita de um local onde a população possa se divertir e praticar atividades saudáveis. Revitalização de praça Alan também está na luta por outra demanda comunitária. Uma reunião realizada na quarta-feira teve como tema a revitalização da praça localizada entre as ruas Antônio Gomes e Abrelino M. Gomes, no bairro Dom Feliciano. Há anos abandonado pelo poder público, o local necessita de grandes reformas. A comunidade pede a construção de um campo de futebol e uma pista de corrida, a revitalização do lago e da iluminação pública e ainda a instalação de câmeras de segurança. Estiveram presentes o vereador Alan Vieira, o secretário de Serviços Urbanos, Pedro Bisch Neto, e seu adjunto, Zilon Espíndola, o assessor parlamentar Leonardo da Fonseca, além do morador do bairro Edemar Gomes de Matos e seu filho Leonardo Rodrigues Matos. Todos estão confiantes que em breve o problema será solucionado.

Alan, Joelson e a Helena

A imagem da semana O presidente da Câmara Nadir Rocha, Vereadores Dilamar Soares, Evandro Soares, Juarez, Alan Vieira, Paulinho da Farmácia, Carlito Nicolait, Beto Ferreira, Fred Pinho e Clebes Mendes, Secretário da Saúde Jones Martins, Prefeito Marco Alba, vice-prefeito Francisco Pinho (não exatamente pela ordem). Não são os três mosqueteiros mas estão lutando por uma mesma causa: “Um por todos e todos pelo Hospital Público Regional. É a nossa “imagem da semana”!

Bisch Neto no Sindilojas Na manhã desta quinta-feira, 21, o presidente do Sindilojas Gravataí, José Rosa, recebeu a visita do secretário municipal de Serviços Urbanos (SMSU), Pedro Bisch Neto, que foi até a sede da Entidade fazer uma visita de cortesia. O encontro serviu para que secretário e presidente conversassem sobre assuntos de comum interesse e concordassem em dar continuidade a parcerias entre a SMSU e o Sindicato.

Dilamar no Dom João Becker O vereador Dilamar Soares esteve reunido nesta quinta-feira com o diretor do Hospital Dom João Becker, Oswaldo Luis Balparda, com o intuito de unir forças e encontrar soluções para alguns problemas que a população vem encontrando, historicamente, na saúde do município – uma das áreas onde o Governo Marco Alba está centrando suas forças. – Por muitas vezes fizemos críticas ao atendimento do hospital, pelo fato de encontrarmos, no atendimento, apenas um pediatra para SUS e particular, quando, na verdade, o que falta são profissionais nessa área – comentou o Dilamar após a reunião. Balparda também comentou a questão. – Estamos tendo imensas dificuldades em encontrar profissionais da

O presidente José Rosa com o secretário Bisch Neto

Maribel vai à Delegacia Dilamar e Oswaldo Luiz

área da pediatria. Dessa forma, acaba acumulando nos poucos que se têm, o atendimento. Dilamar também mencionou a luta histórica pela UTI Neo-Natal, mesmo com as tratativas para a vinda do Hospital Regional para a cidade.

– O sonho pela UTI Neo-Natal se mantém. Agora, temos que encontrar alternativas para a formação e prospecção de profissionais dessa área. Vamos nos comprometer com isso – concluiu o parlamentar.

As passagens... A coluna recebe nota de esclarecimento do vereador Dilamar Soares sobre o conflito sobre a redução dos preços das passagens dos ônibus municipais, que começou na Câmara e se espalhou pela internet, via redes sociais. Acompanhe a seguir as explicações dele sobre a questão. ESCLARECIMENTO “Vamos esclarecer à população, imagem que está circulando nas re-

des sociais, com uma inverdade dita por um partido, no qual essa mesma população não quis sua continuidade, em Gravataí. Sou líder do Governo na Câmara, e o executivo já está estudando, desde o início do ano, a redução das passagens de ônibus municipal, tanto é que, há 3 dias, publiquei no meu Facebook, uma reportagem do Jornal de Gravataí, trazendo à tona este tema. Não votamos contra

a redução das passagens. Votamos contra um requerimento de um vereador petista, que solicitava ao Executivo, reduzir as passagens, para, depois, possivelmente, dizer que foi a partir desse requerimento, que as passagens - que já seriam reduzidas - tiveram redução. Sem hipocrisia, demagogia, vamos mudar o quadro de Gravataí. Vamos estimular a política séria, sem meias-verdades”.

A vereadora Maribel Rocha – PcdoB visitou a delegada e diretora regional (DPRM) Adriana Regina da Costa que reponde aos municípios de Gravataí, Alvorada, Viamão, Cachoeirinha e Glorinha, junto com a delegada de polícia da Delegacia da Mulher (DEAM), Simone Viana Chaves. Durante a conversa a diretora explicou como funcionam as unidades em Gravataí, além do posto avançado do idoso junto à 1º DP. Já a delegada Simone mostrou como é feito o acolhimento de mulheres vítimas de violência e o acompanhamento que é feito com elas. Ao final a delegada fez o convite para que no dia 08/03 na praça em frente à Prefeitura a população visite a Delegacia Móvel que atenderá a todas as ocorrências, no Dia Internacional da Mulher.

Grenal Solidário

Unidos por uma boa causa

Os vereadores Carlos Fonseca (PSB), Alemão da Kipão (PT), Dimas Costa (PT) e Evandro Soares (DEM) fizeram uma aposta e vão realizar um ‘‘Gre-Nal do Bem’’ no próximo Domingo. Vale quatro cestas básicas para o Lar Asilo

Santa Bárbara que fica na rua Santa Fé (parada 64). Quem perder o GreNal, paga! Carlos Fonseca e Alemão são colorados, Dimas e Evandro são gremistas. Todo mundo entendeu o espírito solidário e está apostado. Se der empate o lar não perde, pois a conta será rachada. (em tempo, se der empate no tempo normal, a decisão vai para os pênaltes).

Vereadora Maribel com as delegadas


Geral

Gravataí, 22, 23 e 24/02/2013 - Pág. 5

Estudo sobre redução das passagens fica pronto hoje Levantamento foi realizado pela Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana com acompanhamento da Secretaria Geral de Governo

A

Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana, comandada pelo secretário Adão de Castro Junior apresenta hoje ao prefeito Marco Alba o resultado do estudo sobre a redução do preço da passagem das linhas municipais. O trabalho foi iniciado há uma semana por determinação de Alba, com acompanhamento da Secretaria Geral de Governo, do secretário Luiz Zaffalon. O levantamento estuda o impacto da lei federal que desonera a folha de pagamento das empresas de transporte entre os 24 setores beneficiados – sobre o valor das passagens municipais cobradas pela concessionária do serviço no Município, a Sogil. Na última terça-feira, o secretário esteve em Canoas, onde o valor das passagens

municipais já foi reduzido em função da lei sancionada pela presidente Dilma Rousseff em setembro do ano passado, para colher mais subsídios. Ele também examinou as planilhas de custo da própria empresa, além de buscar informações junto à Metroplan. Imediata O prefeito assegurou que tão logo o estudo chegue ao cálculo sobre quanto é possível reduzir em relação à tarifa atual, de R$ 2,90, a redução deve ser imediata. O JG procurou a direção da Sogil para saber qual a posição da empresa sobre o assunto e foi informado através de sua assessoria que não vai se manifestar no momento. De 20% para 1% A determinação sobre a

redução do valor das passagens em função da nova lei é do prefeito Marco Alba e leva em conta a redução de custos que a empresa concessionária das linhas urbanas teve com a aplicação da lei federal 12.715, que desonera a folha de pagamento das empresas de 24 setores da economia, em vigor desde o início do ano. Um dos setores beneficiados é justamente o de transportes, onde se enquadra a concessionária do transporte público municipal, a Sogil. Com a aplicação da lei, a concessionária terá redução de custos, deixando de pagar 20% da contribuição previdenciária sobre a folha de pagamento, passando a recolher entre 1% e 2% sobre seu faturamento. – Esta desoneração da folha de pagamento se reflete

Fotos Divulgação/JG

Estudo da Prefeitura vai apontar em quanto passagem pode ser reduzida

no preço das passagens, pois a folha é um dos itens da complexa planilha de custos utilizada pela empresa para calcular o valor da tarifa – explicou

na segunda-feira o secretário geral de Governo, Luiz Zaffalon, encarregado de cuidar do assunto juntamente com o secretário Castro Junior.

Fabricante de lâmpadas de LED construirá fábrica em Gravataí O parque industrial de Gravataí acaba de ficar um pouco mais diversificado. Nesta quinta-feira, o prefeito Marco Alba recebeu em seu gabinete o empresário Gilberto Canabarro, proprietário da Magic Lighting, fabricante de lâmpadas de LED (do inglês “light-emitting diode”, ou diodo emissor de luz) – componente eletrônico que tem a capacidade de gerar luz, com baixo

consumo de energia elétrica. Com 12 anos de operação e com sede na China, a Magic Lighting projeta para 2013 um faturamento de US$ 40 milhões. Com foco inicialmente nos mercados norte-americano e europeu, a fábrica de Gravataí seria a primeira unidade brasileira da Magic Lighting, com investimento de R$ 20 milhões para a instalação e a

Representante da empresa apresentou detalhes do projeto

geração imediata de 1,2 mil empregos diretos. – Eu quero instalar a fábrica em Gravataí – afirma o diretorpresidente da empresa, Gilberto Canabarro, que já é residente no município. O início das operações está previsto para julho de 2014, com uma estimativa de faturamento para 2015 de R$ 100 milhões. O prefeito Marco Alba adiantou que o município tem interesse em buscar as alternativas que viabilizem a construção da fábrica em Gravataí, em uma área de três hectares, a ser definida. – O que podemos oferecer é a eficiência do município, em sua estrutura administrativa, para o encaminhamento das licenças e de eventuais incentivos que possam ser gerados – reitera Marco Alba. No aeroporto Segundo Canabarro, nos úl-

Fotos: Guili Bolfoni

Empreendimento de R$ 20 milhões vai gerar 1,2 mil empregos

timos dois anos, as lâmpadas de LED se tornaram uma alternativa de iluminação pública no Brasil, diante os altos custos dos modelos convencionais. Recentemente, a Magic Lighting venceu licitação para implantar um sistema de iluminação na área de desembarque do Aeroporto Internacional Salgado Filho. – Nossa empresa tem mais de

200 certificações, o que nos garante uma boa perspectiva de mercado no Brasil – reforça Canabarro. Além de Canabarro e Luiz Fernando Medeiros, da Magic Lighting, também estiveram presentes à reunião representantes da Witt Empreendimentos Imobiliários, o vereador Dilamar Machado e o secretário municipal Geral de Governo, Luiz Zaffalon.


Gravataí, 22, 23 e 24/02/2013 - Pág. 6

Publicações Legais

Ulbra Gravataí prepara candidatos para concurso do Magistério De 25 de fevereiro a 13 de março, a Ulbra Gravataí estará com inscrições abertas para o curso preparatório para o concurso público que oferece 10 mil vagas para o cargo de professor do Quadro de Carreira do Magistério Público do Estado do Rio Grande do Sul. A iniciativa tem o objetivo de capacitar os candidatos nos

conteúdos de Português, Conhecimentos Pedagógicos e Legislação por meio de aulas ministradas por professores qualificados que atuam na instituição. Com carga horária de 40 horas, o curso terá início no dia 15 de março com aulas às sextasfeiras, das 19h às 22h, e aos sábados, das 8h30 às

EDITAL Nº 02/2013 NOTIFICAÇÃO (PRAZO 05 DIAS) A Presidente da Fundação Municipal de Meio Ambiente do Município de Gravataí, criada pela Lei Municipal nº 886, de 02 de Maio de 1994, no uso de suas atribuições legais, NOTIFICA o Sr. João Adalberto Couto Siqueira, acerca da Notificação nº 041/2012, do Processo Adm. nº 1403/2012 (fls. 46/47) das Providências de, Remoção de todo resíduo; Armazenamento e Acondicionamento; Destinação; Amostragem e análise; Relatório; Recuperação e Monitoramento da área. Abre-se o prazo de 60 (sessenta) dias, a fluir após o decurso de prazo deste Edital, para que o Notificado, cumpra com as providências acima, protocolando nos autos cópia dos relatórios pertinentes, sendo que, todos os procedimentos deverão ser realizados por profissinal devidamente habilitado. Gravataí, 21 de fevereiro de 2013. Cláudia Pereira da Costa, Diretora-Presidente – FMMA

EDITAL Nº 01/2013 NOTIFICAÇÃO (PRAZO 05 DIAS) A Presidente da Fundação Municipal de Meio Ambiente do Município de Gravataí, criada pela Lei Municipal nº 886, de 02 de Maio de 1994, no uso de suas atribuições legais, NOTIFICA a empresa TRANSWEG LOCAÇÕES LTDA., acerca da Notificação lavrada no Processo Adm. nº 115/2010 (fl. 28), referente ao Auto de Infração n. 022/2010-FMMA, determinando-lhe a ABERTURA do prazo de 15 (quinze) dias, a fluir após o decurso de prazo deste Edital, para que a notificada/autuada efetue o pagamento da penalidade de multa, no valor de R$ 5.500,00 (cinco mil e quinhentos reais), a ser devidamente atualizada pela UFM na data do pagamento, junto ao Fundo Municipal de Meio Ambiente, recolhida mediante guia a ser impressa nesta FMMA; bem como traga aos autos, no mesmo prazo, comprovação de destino do material retirado do local da infração, através de nota fiscal do recebimento do material contaminado. Gravataí, 19 de fevereiro de 2013. Cláudia Pereira da Costa, Diretora-Presidente – FMMA

publicação legal CASAMENTOS Edital nº 017/2013

VALECY CABELEIRA BITELO - Oficial do Registro Civil das Pessoas Naturais, faz saber, que se habilitaram para casar por este Cartório:

1 – ELTON DOS SANTOS FERREIRA e KELEN DAIANE PEREIRA DOS SANTOS Quem conhecer algum impedimento, acuse-o na forma da Lei. Gravataí, 22 de fevereiro de 2013. Valecy Cabeleira Bitelo Oficial de registro

12h e das 13h30 às 16h. Durante as aulas serão abordados os conteúdos de Língua Portuguesa, Legislação Federal de

Educação Básica e Conhecimentos Pedagógicos conforme edital. Para a região atendida pela 28ª Coordenadoria Regional

EDITAL Nº 03/2013 NOTIFICAÇÃO (PRAZO 05 DIAS) A Presidente da Fundação Municipal de Meio Ambiente do Município de Gravataí, criada pela Lei Municipal nº 886, de 02 de Maio de 1994, no uso de suas atribuições legais, NOTIFICA o senhor Anderson Diego Augusto para que, no prazo de 15 (quinze) dias, a fluir após p decurso de prazo deste Edital, em decorrência do Auto de Infração nº 054/2008, lavrado nos autos do processo administrativo nº 155/2008-FMMA: (1) efetue o pagamento da penalidade de multa simples, no valor atualizado de R$ 1.385,26 (mil trezentos e oitenta e cinco reais e vinte e seis centavos); (2) comprove a realização do plantio das 40 (quarenta) mudas de espécies nativas do RS ou, conforme Portaria n° 17/2011-FMMA, efetue o pagamento da conversão automática do plantio em pecúnia, no valor de R$ 997,25 (novecentos e noventa e sete reais e vinte e cinco centavos), e (3) fulcro no art. 118, §3°c/c 114, §2° da Lei Municipal n.º 1.528/2000, ressarça o erário público, mediante pagamento, por todas as publicações de editais realizadas neste processo: (3.1) pelo Edital n.º 08/2012, no valor atualizado de R$ 236,12 (duzentos e trinta e seis reais e doze centavos) e (3.2) pelo presente edital, no valor de R$ 250,00 (duzentos e cinqüenta reais). Todos os pagamentos/recolhimentos deverão ser realizados junto ao Fundo Municipal de Meio Ambiente, mediante guia a ser impressa, pessoalmente, no Setor Financeiro desta FMMA. Não havendo o pagamento dos valores supracitados, no prazo contemplado neste Edital, o expediente será encaminhado para inscrição em Dívida Ativa, com posterior cobrança judicial (Execução Fiscal) dos débitos. Gravataí, 21 de fevereiro de 2013. Cláudia Pereira da Costa, Diretora-Presidente – FMMA

de Educação, que compreende os municípios de Alvorada, Cachoeirinha, Glorinha, Gravataí e Viamão, o concurso para

o Magistério oferece 691 vagas distribuídas entre as Licenciaturas Plenas, anos iniciais, Libras e educação profissional.

EDITAL Nº 04/2013 NOTIFICAÇÃO (PRAZO 05 DIAS) A Presidente da Fundação Municipal de Meio Ambiente do Município de Gravataí, criada pela Lei Municipal nº 886, de 02 de Maio de 1994, no uso de suas atribuições legais, NOTIFICA a empresa Alex Sander Menezes da Silva – ME, na pessoa de seu representante legal, Sr. Alex Sander Menezes da Silva para que no prazo de 15 (quinze) dias, a fluir após o decurso de prazo deste Edital, efetue o pagamento das duas penalidades de multa simples constantes no julgamento do Auto de Infração nº 083/2008, que somadas e atualizadas perfazem o valor de R$ 10.101,09 (dez mil cento e um reais e nove centavos); bem como providencie, no mesmo prazo, a retirada dos resíduos objeto da infração, encaminhando-os a local devidamente licenciado e, comprovando nos autos as medidas mitigatórias adotadas. O Notificado deverá, ainda, ressarcir o erário público pela publicação deste Edital, conforme §2º do art. 114 e § 3° do art. 118 do Código Municipal de Meio Ambiente – Lei 1.528/2000, no valor de R$ 250,00 (duzentos e cinqüenta reais). Os pagamentos acima deverão ser realizados junto ao Fundo Municipal de Meio Ambiente, mediante guia a ser impressa, pessoalmente, no Setor Financeiro desta FMMA. Caso os valores supracitados não sejam pagos no prazo ora concedido, o expediente será encaminhado para inscrição em Dívida Ativa, com posterior cobrança judicial (Execução Fiscal do débito). Gravataí, 21 de fevereiro de 2013. Cláudia Pereira da Costa, Diretora-Presidente – FMMA

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL TABELIONATO DE PROTESTOS DO MUNICÍPIO DE GRAVATAÍ AV. JOSÉ LOUREIRO DA SILVA, 1826 - Fone: 3488.1800

EDITAL

FAZ SABER que, se encontram neste Ofício para serem protestados os títulos abaixo discriminados. Nome do Devedor

Protocolo Valor Original Documento Cod. Espécie Credor Original

ALINE LUIZA DA SILVA ANDIRUS MOR E CIA LTDA CONST SILVINO DA LUZ LTDA CONSTRUTORA COLLIONI CRISTINA LISIANE RODRIGUES CURTUME SANTA ROSA CURTUME SANTA ROSA CURTUME SANTA ROSA EDUARDO LINKE ELIAS WARTHA MACHADO FELIPE LIBORIO DA COSTA FERFIBRAS IND E MAN INDUSTRIAL LTDA FERRAMENTARIA COPPER LTDA. GABRIEL BRAGA DA SILVA GNK ARTS ESPORTIVOS LTDA HBS INDUST E COM DE DESENGRAXANTES LTDA HBS INDUST E COM DE DESENGRAXANTES LTDA MARIA APARECIDA LONGARAY DA SILVA MARTHAN DISTRIBUIDORA LTDA METALURGICA MONTACARICHI METALURGICA MONTACARICHI LTDA - ME PAULO ROBERTO SILVA DOS SANTOS RELLUZ COMERCIO SERVICOS E REPRESENTACOE ROS EMPREENDIMENTOS SAYUMI COM.DE COLCHOES LTDA SAYUMI COM.DE COLCHOES LTDA SILVIA GARCIA DA SILVEIRA SILVIA GARCIA DA SILVEIRA SILVIA MACIEL PERES TAURUS MAQUINAS FERRAMENTAS LTDA TAURUS MAQUINAS FERRAMENTAS LTDA THEO MAC GENITY THIAGO SANTOS BARBOZA TRANSBINHO TRANSPORTE DE CARGAS LTD WILLIAN FERREIRA MARQUES

1295015-3 1296341-6 1295303-9 1295295-8 1294956-5 1296309-8 1296310-0 1296311-5 1293858-0 1293004-1 1295446-0 1295183-2 1295235-6 1293737-4 1295638-0 1294981-3 1296199-5 1295003-0 1295856-4 1295778-8 1295922-8 1295424-3 1295519-4 1295294-2 1294882-5 1294883-0 1295105-2 1295082-5 1293356-7 1295782-4 1295785-8 1294343-1 1295179-6 1293900-8 1296250-2

R$210,00 NF49921 PREST05 IDM LOJAS SOLAR LTDA R$660,00 64/01-13B IDM HUNTER EXPRESS R$1.939,91 1305/1 IDM POSTES DE MADEIRA STATUS LTDA R$2.146,56 2050 IDM OLARIA SAO FRANCISCO LTDA ME R$184,51 08694A IDM JOAO CARLOS DOS S. S. & CIA LT R$5.562,77 004371-004 IDM LUKRI COMPONENTES PARA CALCADOS LTDA R$5.562,77 004371-005 IDM LUKRI COMPONENTES PARA CALCADOS LTDA R$5.562,77 004371-003 IDM LUKRI COMPONENTES PARA CALCADOS LTDA R$89,50 0003821010 IDM LONGO AR ACESSORIOS LTDA R$395,42 3838301 IDM BIVEL VEICULOS LTDA R$127,01 0039669505 IDM RODONAVES TRANSP ENCOMENDAS LT R$338,64 03602657440 IDM MADEIREIRA HERVAL LTDA R$2.000,00 0020950-01 IDM AMADEO ROSSI S.A. - METALURGICA E MUNICOES R$564,76 643/510 IDM MAGAZINE INCORPORACOES LTDA R$1.037,40 0072722/A IDM FLUT CONFECCOES LTDA. R$48,86 0000507339 IDM PLANALTO ENCOMENDAS LTDA R$57,91 0000509854 IDM PLANALTO ENCOMENDAS LTDA R$1.306,00 5784321 IDM CEMEAR COMERCIO E REPRESENTACAO LTDA R$478,54 998-1/2 IDM BHELZA COMERCIO DE TINTAS LTDA R$4.528,27 000795/05 IDM ROLIM COMERCIO E BENEFICIAMENTO DE ACO LTDA R$3.574,47 001889/3 IDM AUGUSTIN INDUSTRIA E COMERCIO DE METAIS LTDA R$346,49 13 IDM MARCO ROBERTO MARQUES E CIA LTDA R$3.267,55 941778827 IDM MALHARIA CRISTINA LTDA R$1.356,00 2055 IDM OLARIA SAO FRANCISCO LTDA ME R$273,57 016165/33 IDM HERVAL INDUSTRIA DE MOVEIS COLCHOES R$310,71 016160/33 IDM HERVAL INDUSTRIA DE MOVEIS COLCHOES R$910,68 12003270 IDM FRIGORIFICO E DISTRIBUIDORA DE CARNES BOA VIS R$511,11 0000655273 IDM AGROSUL AGROAVICOLA INDUSTRIAL S.A. R$83,33 S000000064 IDM FRANCIELLI MARCOLIN R$9.793,00 2639 IDM USIPRESS-USINAGEM DE PRECISAO LTDA R$14.300,00 2609 IDM PRECIMOLDIS LTDA R$850,00 000126/01 IDM FOCCUS COMERCIO E IMPORTACAO DE EQUIPAME R$294,60 76358/10 IDM DELAMINAS COMERCIO E EXPORTACAO LTDA R$1.063,50 5088 IDM TEODORO SZYMANSKI - MOLAS PATAGONIA R$153,00 0110037- IDM FORMAS KUNZ LTDA

Estas pessoas encontram-se em alguma das situações definidas pelo art. 15 da Lei nº 9.492, de 10.09.97, razão pela qual é publicado o presente edital, na forma do parágrafo 1º do mesmo artigo, ficando intimada a virem pagar no Tabelionato os respectivos títulos, evitando o protesto, ou oferecer resposta, que não evitará o protesto, tudo no prazo de três (03) dias úteis, contados a partir da data de publicação deste edital. Gravataí, 22 de fevereiro de 2013.


Gravataí, 22, 23 e 24/02/2013 - Pág. 7

Geral

Alerta no Estado intensifica prevenção da dengue em Gravataí Decisão foi tomada diante da confirmação de casos da doença em Porto Alegre e de um alerta epidemiológico do Estado para a Região Metropolitana

A

Prefeitura de Gravataí, através da Secretaria de Saúde, está ampliando as ações de combate à dengue em todo o município. Diante da confirmação de casos da doença em Porto Alegre e de um alerta epidemiológico do Estado para a Região Metropolitana, o secretário de Saúde Jones Martins determinou à coordenação da Vigilância em Saúde (Viemsa) que redobrasse os esforços para evitar casos de dengue entre os moradores da cidade. “Não temos casos confirmados da doença em Gravataí, mas intensificar as ações de combate aos possíveis focos vai diminuir os riscos”, lembra Jones. A partir disso, a Vigilância em Saúde emitiu um alerta a toda a rede de saúde pública sobre a presença da doença em Porto Alegre e os cuidados que devem ser tomados no diagnóstico e tratamento dos casos suspeitos. De acordo com a coordenadora interina da Viemsa, Patrícia Silva, as diretrizes do plano de com-

bate à dengue preveem a presença do maior número possível de agente de combate a endemias – os populares “agentes da dengue” – nas ruas da cidade, orientando a população sobre os riscos da dengue e as formas de evitá-la. “Também agimos de forma estratégica em pontos como borracharias, ferros-velhos e floriculturas para garantir que não haja criatórios de larvas ou mosquitos transmissores da doença”, diz. SUSPEITOS – De janeiro para cá, seis pessoas procuraram o sistema de saúde municipal com sintomas da doença. Três pacientes tiveram os exames de confirmação negativos e outros três ainda aguardam os resultados. Todos eles relatam que perceberam os sintomas da doença quando estavam fora do município. São casos considerados importados, portanto. Mesmo assim, como medida preventiva, a Secretaria de Saúde está aplicando larvicida contra possíveis focos do mosqui-

to nas regiões próximas às casas dos pacientes com diagnóstico de suspeita de dengue. “Enquanto tivermos casos de suspeita, o procedimento é aplicar o larvicida e seguir com as ações educativas e de esclarecimento da população. Mas como estamos muito próximos a Porto Alegre, onde casos da doença foram confirmados, precisamos de mais energia nas ações que vínhamos promovendo para evitar os casos da doença”, adianta o secretário Jones Martins. “Nossos esforços são no sentido de minimizar os efeitos da dengue em Gravataí, mesmo que a região esteja convivendo com o risco da doença”, diz. AÇÕES – Nos próximos dias, a Prefeitura irá distribuir cerca de 30 mil panfletos com informações sobre os sintomas da dengue e as medidas de combate que podem ser adotadas em todas as casas. Qualquer um pode ajudar. Basta evitar acúmulo de água parada em vasos de plantas,

Fotos Divulgação/JG

Agentes vão intenisificar visitas e trabalho de concientização

objetos velhos pelo pátio, em calhas ou caixas d’água sem manutenção. Atualmente, a Vigilância em Saúde conta com 59 agentes de endemias que visitam periodicamente 100% das moradias no município. Eles também visitam a cada 15 dias os chamados Pontos Estratégicos (PEs), que são os locais em que podem desenvolver com maior

facilidade os criatórios do mosquito Aedes aegyptis e suas larvas. São eles as borracharias, os ferros velhos, as floriculturas e os locais de deposição irregular de lixo e caliça. CAMPANHA – A Prefeitura também irá investir em campanhas de mídia para que toda a população tenha acesso às informa-

ções sobre a dengue. Além dos panfletos, anúncios em jornais e cartazes, serão confeccionados com orientações sobre como evitar a doença. O site da Prefeitura terá um banner exclusivo da campanha de combate à dengue, com a reprodução de materiais de orientação e as principais informações das ações municipais a respeito da doença.

Quem completa 18 este ano tem até junho para se alistar A Prefeitura de Gravataí, através da Junta de Serviço Militar, comunica os jovens nascidos no ano de 1995 que o alistamento militar, que se iniciou dia 2 de janeiro, para os nascidos nesta classe, encerra-se no dia 30 de junho de 2013. Conforme o secretário da

Junta de Serviço Militar, Moacir Renato de Souza, todo o cidadão brasileiro de sexo masculino, no ano que completar 18 anos de idade, é obrigado a realizar o alistamento militar. Para se alistar, é necessário apresentar carteira de identidade, CPF, certidão

de nascimento e comprovante de residência no próprio nome ou dos pais. Aqueles que moram de aluguel também podem apresentar o contrato da locação. É exigida ainda uma fotografia 3x4, recente. A Junta de Serviço

Militar alerta para que os jovens não percam o prazo e façam o alistamento o quanto antes, para evitar filas. A inscrição é importante, pois sem ela não é possível participar de concursos públicos, fazer passaportes, dentre outros direitos.

Secretário da Junta, Moacir Renato de Souza

Demandas da infância e juventude pautam reunião na Secretaria da Saúde EDITAL Nº 05/2013 NOTIFICAÇÃO (PRAZO 05 DIAS) A Presidente da Fundação Municipal de Meio Ambiente do Município de Gravataí, criada pela Lei Municipal nº 886, de 02 de Maio de 1994, no uso de suas atribuições legais, NOTIFICA a empresa Sul Luvas Indústria, Comércio e Prestação de Serviços Ltda, acerca do Julgamento (fls. 95-100) da penalidade de MULTA DIÁRIA contemplada no Auto de Infração n. 034/2009, nos autos do processo administrativo nº. 181/2009-FMMA, que consolidou a aplicação desta penalidade em 85 (oitenta e cinco) dias-multa, do período de 17/08/2009 a 09/11/2009, que repercute no valor de R$ 44.000,00 (quarenta e quatro mil reais) para o ano 2009, a qual, contudo, deve ser atualizada pela UFM da data do pagamento. Abre-se o prazo de 20 (vinte) dias, a fluir após o decurso de prazo deste Edital, para que a Notificada, realize o pagamento do valor acima, que na data da emissão da guia, a ser requerida perante esta FMMA, deve ser atualizado para a UFM de 2013, ou, querendo, interponha novo recurso à instância final de julgamento administrativo, qual seja, o Conselho Municipal de Meio Ambiente. Gravataí, 21 de fevereiro de 2013. Cláudia Pereira da Costa, Diretora-Presidente – FMMA

As demandas da infância e da juventude na área pautam reunião realizada nesta quinta-feira na Secretaria Municipal da Saúde. O encontro teve a participação do coordenador do Conselho Tutelar Oeste, Joelson Cardoso, do vereador Alan Vieira e do secretário municipal de saúde Jones Martins Alan é relator da Comissão de Direitos da Criança e Adolescente da Câmara de Vereadores. Joelson apresentou ao secretário os problemas enfrenta-

dos pelos conselheiros na hora de garantir o atendimento priorizado ao público infanto-juvenil. Entre os temas abordados estiveram o atendimento psicológico e psiquiátrico junto ao Centro de Atenção a Criança e Adolescente (Ceacaf); o atendimento especializado para crianças vítimas de abuso sexual, através do Serviço de Proteção a Infância e Adolescência (Sepia); a falta de pediatras e fonoaudiólogos na rede; além da falta de uma

Unidade de Tratamento Intensivo Neonatal e um Centro de Referência no Atendimento InfantoJuvenil (Crai) no hospital da cidade. Os dois últimos serviços ficam vinculados à possibilidade de serem incluídos no futuro Hospital Público Regional. Ficou definida uma futura reunião para definir fluxos e estratégias de trabalho com os coordenadores dos serviços e os conselheiros tutelares. Quanto à falta de profissionais especializados o

município já está trabalhando para repor o quadro, esvaziado devido à saída de muitos profissionais ao mesmo tempo. – É de fundamental importância esse canal aberto de comunicação entre os agentes responsáveis pelas políticas públicas de atendimento, o Executivo e o Legislativo, e os agentes responsáveis pela garantia de atendimento priorizado, preconizados no ECA, os conselheiros tutelares – relata o conselheiro tutelar Joelson.


Esporte

Gravataí, 22, 23 e 24/02/2013 - Pág. 8

Futsal do Paladino retoma as atividades na próxima semana Na próxima segundafeira(25), a escolinha de futsal do Paladino Tênis Clube estará retornando de férias. As rematrículas podem ser feitas até o final de março. A mensalidade é de R$ 30,00 para quem é sócio e R$ 60,00 para quem não é associado ao clube. A taxa de matrícula é de R$ 10,00 (somente para não sócios). Documentos Necessários: * Cópia Autenticada do RG * Atestado Médico que está apto para a prática de atividade física, eletrocardiograma de esforço ou de repouso. * 1 foto 3x4

Torcedores ajudarão em música-tema da Copa de 2014 Sem protagonistas, celebridades ou garotos-propaganda, a campanha publicitária da Coca-Cola para a Copa do Mundo 2014 será um convite para os brasileiros participarem do evento. Prova disso é que a música-tema da competição contará com a colaboração de torcedores. A canção será composta pelo público em promoção ainda não divulgada. Com o lema ���Copa de todo mundo”, a campanha foi apresentada a jornalistas das cidadessede do evento na manhã desta quarta-feira no Rio de Janeiro e será a maior ação da empresa em 70 anos no país -os valores investidos, entretanto, não serão divulgados. O “Manifesto Coca-Cola” será lançado no próximo sábado, no intervalo do Jornal Nacional, da TV Globo.

Escolha da musa do Cerâmica é nesta sexta-feira Mariana Godoy entrega sua faixa em evento que acontece no SNK

A

escolha da Musa do Cerâmica 2013 promete levar lindas garotas a passarela do SNK Club em Gravataí. O evento acontece nesta sextafeira(22) às 21h. Na ocasião, serão eleitas a Musa, 1ª e 2ª princesas do Cerâmica. Durante o intervalo dos desfiles quem anima o evento é Jonathan Pacheco, reconhecido cantor da nova safra do Sertanejo Universitário. Logo depois da escolha da Musa, a partir das

23h, rola a já tradicional balada do SNK, uma das melhores festas da região. Ano repleto de emoções A atual musa do Cerâmica, Mary Godoy de 24 anos, define o ano como inesquecível. A educadora física destaca que, após o concurso, pode participar de outros eventos como modelo, alem de aparecer em revistas, jornais e programas de televisão. Mary conta como foi o ano, após

Parceiros O evento é uma realização do Cerâmica, juntamente com a Rom’s Car e o SNK Club. A promoção é do caderno Pah!, do Diário Gaúcho, o patrocínio é de CSP Auto Center, Naturallaser, Ótica Gravataí, Soulrio Biquínis, Brascor Digital e Livraria Ivone, já o apoio é da Chevrolet, Hotel Radar, O Boticário, Jardins da Aldeia, Sulfrangos, Cooperativa do Corpo, Plug, Sogil e Upmodels.

Meninas participam dos jogos do time

ser eleita representante do tricolor de Gravataí e convida as garotas a se inscreverem no Concurso Musa do Cerâmica 2013, que tem inscrições abertas até 15 de janeiro. - O ano de 2012 foi muito produtivo, muita coisa aconteceu depois que fui eleita Musa. Após o concurso, fui eleita Missa Xangri-lá Latina, Miss Gravataí e Miss Fitness São Paulo, declara Mary, destacando que surgiram ainda convites para realizar trabalhos como modelo durante o ano. Sobre a participação no Musa do Gauchão, Mary define como maravilhoso o apoio recebido pela cidade e pelo clube. Atualmente se dedicando à carreira de educadora física e personal trainer, Mary explica que trata os trabalhos de

Fotos Divulgação/JG

Mary passará a faixa nesta sexta-feira

modelo como um hobby, conciliando estes com sua profissão. Atualmente ela dedica-se à pós-graduação em Fisiologia do Exercício. Disputa acirrada Cerca de quinze candidatas foram selecionadas, formando o grupo de parti-

O presidente Décio com a corte deste ano

cipantes que irá desfilar no SNK na noite desta sexta. No SNK, serão escolhidas a Musa, a 1ª e a 2ª princesa. A escolha será feita através de um júri especialmente selecionado, formado por empresários e representantes de importantes entidades. A vencedora levará dezenas de prêmios para casa. A representante ceramista ganhará mil reais, um buque de flores, um book fotográfico da LM Produções, um kit especial do Boticário, tratamento estético na Naturallaser, seis meses de academia na Cooperativa do Corpo, agenciamento na Upmodels e um kit personalizado do Cerâmica.

Cerâmica entra em campo sábado para partida decisiva São Luiz e Cerâmica voltam a se enfrentar neste sábado (23) às 18h 30, no Estádio 19 de Outubro, em Ijuí. A partida válida pelas quartas de final do Gauchão Chevrolet 2013 é decisiva para as duas equipes, pois apenas uma segue na disputa pelo título. O time viaja para Ijuí nesta sextafeira(22) onde fica concentrado para o confronto. A partida será transmitida pela TV Com e pelo payper-view. A rádio Metrópole de Gravataí, também fará transmissão do jogo através do 1570 AM ou no site www.radiometropoleam.com. O time ceramista conta

com o apoio de seus torcedores e para assistir o jogo no estádio 14 de Julho, os ingressos custam R$ 30, com meia-entrada para estudantes e idosos. As bilheterias do estádio abrem uma hora antes da partida. Jogo- treino O Cerâmica realizou nesta quinta-feira, 21, um jogo-treino contra o Guarani de Camaquã. Na ocasião, o treinador Guilherme Macuglia utilizou em campo os atletas que não vêm participando dos jogos do Gauchão, além de mesclar com alguns juniores. O Guarani de Camaquã, treinado pelo

Time está confiante para o confronto decisivoo

ex-jogador ceramista Lico Freitas, venceu a partida por 3 a 0. Segundo Macuglia, o

jogo foi importante para a avaliação de atletas que possam ser opção em campo.

Os gols do time de Camaquã foram marcados por Maceió, Kairo e Gustavo Righi.


Polícia

Gravataí, 22, 23 e 24/02/2013 - Pág. 9

Operação Serra Talhada prende 41 na Região Metropolitana e Vale do Sinos

A

operação Serra Talhada, deflagrada pela Polícia Civil e pela Brigada Militar (BM) nesta quinta-feira (21), prendeu 41 pessoas e apreendeu um menor. Os mandados de prisão e apreensão foram cumpridos nos municípios de Cachoeirinha, Gravataí, Novo Hamburgo, Porto Alegre, São Leopoldo e Sapucaia do Sul. O objetivo da ofensiva foi desarticular quadrilhas envolvidas em diversos crimes, como assalto a bancos, roubo a cargas, furto de veículos, homicídios e latrocínios. O fator comum entre os grupos criminosos era o refúgio no Morro do Paula – área de difícil acesso que faz divisa com as ci-

Brigada Militar e Polícia Civil buscaram quadrilhas especializadas em assaltos a bancos e sítios

dades de Gravataí, Novo Hamburgo, São Leopoldo e Sapucaia do Sul. Como o Morro do Paula é considerado uma das áreas mais perigosas da região, a Polícia Civil vai implantar uma delegacia móvel e a Brigada Militar irá instalar uma unidade para combater a criminalidade no local. De acordo com o titular da 3ª Delegacia de Polícia de São Leopoldo, delegado Alencar Carraro, a investigação começou há cerca de oito meses, quando um homicídio ocorrido no Morro do Paula chamou a atenção pela brutalidade. Carraro informou que quadrilhas ligadas a roubos a banco e a sítios cometiam os crimes e fugiam para o Morro

do Paula. Um grupo especializado em roubos de carros chegava a subtrair de 100 a 200 veículos em alguns meses, alcançando uma média entre quatro a seis por dia. – Temos um suspeito que está foragido e conseguiu adquirir legalmente uma pedreira, apenas para comprar dinamite e explosivos e utilizá-los em ataques a banco – acrescentou o delegado. Em Gravataí e Cachoeirinha, os mandados foram cumpridos em área rural, na sua maioria em sítios. Nestes locais, segundo as investigações, há suspeita de que também poderiam estar sendo utilizados por integrantes da quadrilha do Morro do Paula para se esconderem, existindo a

FotoS André Ávila

Operação busca integrantes de quadrilhas especializadas em assalto a bancos

possibilidade, inclusive, de que armas estejam enterradas, já que o local tem difícil acesso e possui grandes extensões. Para a realização da operação, a Polícia Civil

convocou 300 homens e a Brigada Militar auxilia nas prisões com 150 policiais. Serra Talhada é o nome de uma cidade pernambucana, terra natal

do cangaceiro Virgulino Ferreira da Silva – o Lampião – que possui uma geografia muito semelhante a do Morro do Paula, daí o nome da operação.

Operação foi feita em Cachoeirinha, Gravataí, Novo Hamburgo, Porto Alegre e Sapucaia do Sul

Polícia Civil convocou 300 homens e a Brigada Militar auxilia nas prisões com 150 policiais

Atropelador estava tão embriagado que não conseguiu depor

Homem morre atropelado na ERS-118

O condutor preso na manhã desta quinta-feira (21) por atropelar um pedestre em Viamão, não conseguiu prestar depoimento em razão da elevada concentração de álcool no sangue, segundo a Polícia Civil. Renato Gaúcho Flores da Silva, de 66 anos, conduzia um Fiat Uno. Conforme o delegado plantonista da Delegacia de Pronto Atendimento de Alvorada, Rodrigo Caldas, o exame do

etilômetro apontou 1,11 miligramas de álcool por litro de ar expelido pelos pulmões (mg/l). Com 0,34 mg/l ou mais ocorre crime de trânsito. – Ele não conseguiu dizer nada, estava totalmente embriagado e agora só irá se pronunciar em juízo – explicou. O acidente ocorreu na Estrada do Cocão, em Viamão. O ciclista José Zilmar Alves, de 43 anos, peda-

lava pelo acostamento, quando foi atingido. A vítima foi encaminhada ao Hospital de Caridade do município, onde se encontra em estado regular. Renato não prestou socorro no momento do acidente. Ele foi localizado pela Brigada Militar, quando parou próximo a uma parada de ônibus, para urinar. Segundo a polícia, ele já tinha antecedentes por embriaguez.

Homem morreu atroplelado ERS-118

Um homem de aproximadamente 60 anos morreu atropelado, na madrugada desta quinta-feira (21), no quilômetro 28 da ERS-118, em Viamão. De acordo com o Comando Rodoviário da Brigada Militar (CRBM), a vítima ainda não foi identificada. Ela foi atingida por uma carreta. O trânsito teve que fluir pelo acostamento até que o corpo fosse removido.


Entretenimento

Gravataí, 22, 23 e 24/02/2013 - Pág. 10

Fotos Bruna de Bem

Resumo de Novelas

Os resumos dos capítulos de todas as novelas são de responsabilidade de cada emissora

Culinária JG

Dissolver 50g de fermento em 100ml de leite morno. Misture a farinha, os ovos, o açúcar, a margarina, o sal, e depois o leite e o fermento. Descanse por aproximadamente 30 minutos para crescer. Amasse e corte em retângulos e fazer um corte no meio do retângulo para virar e descansar por mais 10 minutos. Frite em óleo quente a 180°. Passar no açúcar com canela.

Painel conta com imagens de antigos carnavais na cidade, guardadas por famílias durante anos

Nara Gomes Massulo - Nutricionista - naramassulo@terra.com.br

J

á na reta final da mostra “Lembranças de Carnaval”, o Quiosque da Cultura recebeu na tarde desta quarta-feira (20) a visita de uma moradora que foi reconhecida em uma das fotografias que integram a exposição. A mostra promovida pela Prefeitura, através da Fundação Municipal de Arte e Cultura (Fundarc), iniciouse no último dia 7 e encerra-se nesta sexta-feira (22). “Lembranças de Carnaval” conta com imagens de antigas festas de carnavais na cidade, guardadas por famílias durante anos. Impressas em banners, ao lado de cada imagem fica uma legenda para que se possa identificar quem foram os personagens dessa história. Alguns nomes já foram completados nessa legenda, como o de Margarida Ourique Garcia. A ex-professora do primário, de 88 anos, foi avisada por uma amiga de que sua foto, juntamente com seu marido, já falecido, estava na exposição. A imagem na qual ela faz parte mostra um grupo de jovens comemorando o Carnaval em um salão em Gravataí, na década de 50. Ao recordar-se dos carnavais de que participou, Margarida lembrou com carinho dos antigos blocos e desfiles de rua, das rainhas do Carnaval e das músicas da época. De acordo com Margarida, a maior parte da população gravataiense participava do Carnaval e por isso vê diferença nessa comemoração hoje em dia. – As pessoas eram mais unidas, o Carnaval era feito com amor, vinha da alma. Hoje em dia eu só vejo as pessoas pensarem em diversão – destacou ela, que ainda acompanha o Carnaval na avenida e pela televisão. Ainda dá tempo O Quiosque da Cultura ficará aberto das 10h às 19h para quem quiser conferir a exposição “Lembranças do Carnaval”. No local, também está um painel com objetos de recordações de algumas rainhas e princesas do Carnaval de Gravataí. O Quiosque da Cultura fica na Praça Leonel de Moura Brizola, em frente ao Hospital Dom João Becker.

PALAVRAS CRUZADAS DIRETAS © Revistas COQUETEL 2011 CRUZADAS DIRETAS

www.coquetel.com.br PALAVRAS

Local de formação Plácido Adorno A pior Domingo metálico sensação da bota e Luciano abastece José Padi- Relógio comum em física A Marinete de "A Vegetação Qualidade Pavarotti do caubói as lojas lha (2007) Grupo responsável antiquários Engodo por conDiarista" (TV) essencial própria O iodo, da pesca cursos em trabaGás inflamável das para o para o públicos lhos de minas de carvão gado sal de cozinha avaliação União Superiora Europeia Sílaba de de con(sigla) Que está "ponte" ventos com a voz Corte; Policial, Genitor áspera incisão em inglês "Oração" Rua A roupa Casa de Forma indianada (abrev.) de grife, espetáculantejoula O maior quanto ao los acrodos lagarpreço báticos Trabalhatos brasidora rural Primeira leiros (bras.) letra do 201, em O Berço das alfabeto Marilyn Presunto, romanos Civilizações hebraico (?), diva em inglês do Execu(?) Sangalo: atração Mamífero Cinema Um dosdo Carnaval baiano táveis suíno comandos Muito do DOS (apócope) Amante (Inform.) (fem.) O dia decisivoPrincipal Foram De + ela: rio da Suíça combatidas Como o contração músico por OswalO espectro Saudação autodidainformal 16 a letra do Cruz solar ta aprende Nem, em Polêmico inglês acordo Hiato de "geada" comercial O cão proposto azul (HQ) Cultivo pelos EUA Coragem Cobrança Advérbio Formato agrícola para as estatal de intenPrefixo de do DIU do BrasilAméricas sidade Decalitro "rinoplasColônia Basta! (símbolo) tia": nariz Endereço Sortear Local de na Web por meio trabaAdiciona; de lho do soma Grosseiro bilhetes coveiro (o termo) Fantasiar Recursode Atitude Forma sonoroestá de quem variada poemas "no muro" de gene "Rei (?)", SenhoraAve que Viagem (pop.)cata carraquepeça faz de Tântalo Shakepatos em supor um (símbolo) Sufixo de speare bovinos regresso "londrina" Perna, A Sétima Setorem Orlando Ivete (?)-mail, Arte (red.) hospitalar DrumSangalo, mensainglês Seu símmond, cantora gemévia Carta do Cardápio bolo Ta humorista baiana internet baralho (Quím.) Gênero musical Residência Número Aparelho de de presianos para dedo Caetano de vida dente da sobstruArgentina Realce ção nasal Enzima (fig.) que age sobre as Terra do gorduras açaí (BR) Maquiagem para os olhos BANCO 22 (pl.)

O comér- Filme diriwww.coquetel.com.br de petróleo (Geol.) cio que gido por

© Revistas COQUETEL 2011

B R

BANCO

I

O

Solução

21

Solução Solução anterior C G L R CA I U T A S D O N U I T A CO OR AI RO R ED AA SR P DI TE EG U ÃN O OS PE A ES O R D A

Salve Jorge Waleska se revolta com Rosângela por causa de Morena. Berna cobra explicações de Mustafá. Zyah deixa Morena em sua caverna. Lena conta para Stenio que Lucimar tentará processar Lívia. Drica discute com Helô. Morena vê as notícias sobre Theo e fica emocionada. Ayla acredita que Bianca voltou para a Turquia e está na caverna de Zyah. Morena conta a Mustafá que está grávida. Lívia fala para Wanda que Helô está trabalhando com Ricardo. Áurea critica Theo por culpar Lívia pelo desaparecimento de Morena. Raissa apressa Antônia para se encontrar com Celso. Arturo sente-se mal. Demir descobre que Zyah e Mustafá estão ajudando Morena. Clóvis não acredita que Lurdinha encontrará sua irmã por meio da foto de sua pulseirinha.

Moradora se reconhece em foto da exposição “Lembranças de Carnaval”

uModo de preparo

C I P A B AD E S S A P A I B C E S EU M A N T R A T E A T A C A D I S C C I A O R O U C O P V I A V E I S M O C I R C O D E O U V I D O O T AP XE AO A E AP RN H DA AM L S T A B AR D D E L A CE M I T E R I O RE IP MI AD E I MD IE C IE N ER I A F N AU R A TL AC AN T AM L O S IL II DN AD DE E C IM SE CT OA R N L H I AP A P AE R A I S T O UM B IR I N A L A D C A S A R O S A

Manoela é carinhosa com Ciça, e Fábio a observa. Nando fala para Juliana que não quer magoar Roberta. Felipe é acusado de assediar Carolina. Isadora dispensa Ronaldo e beija Kiko, para provocar ciúmes no rapaz. Felipe foge da discussão entre Charlô, Roberta e Juliana. Veruska e Nenê pegam a chave do bagageiro. Carolina não gosta de viajar sem Felipe. Frô fala para Dalete que Kiko a beijou. Ulisses afirma a Lucilene que não a está enganando.

Margarida Ourique Garcia conheceu a exposição

50g de fermento fresco, 100ml de leite morno, 500g de farinha, 3 ovos inteiros, 100g de açúcar, 50g de margarina e 1 pitada de sal.

3/leg — nor. 4/lear — teiú. 5/alelo — grisu. 6/lipase.

Guerra dOs Sexos

uIngredientes

3/cop — ham. 4/alca — alef — site. 10/casa rosada.

Lado a lado Fátima sobe o morro com Zé Maria para assistir a uma roda de capoeira. Isabel conta a Afonso que vai ao cartório registrar Elias com Albertinho. Celinha e Guerra se casam. Alzira reúne os funcionários do teatro e revela a todos que Luciano não é filho de Manoel Loureiro.

Cueca virada


Gravataí, 22, 23 e 24/02/2013 - Pág. 11

Sogil apresenta proposta de apoio à comunidade para 2013

Q

Evento reuniu representantes das quinze comunidades selecionadas para integrar o projeto

uinze entidades comunitárias de diversos locais de Gravataí irão usufruir em 2013 de um pacote de apoios sociais oferecidos pela Sogil para o ano. No pacote ofertado, cada comunidade terá direito ao apoio financeiro mensal no valor de R$ 100,00 para auxílio à comunidade na realização de ações em prol dos seus membros, cedências de transporte de até 100 Km, para que ações e passeios comunitários possam ser realizados. Além disso, a empresa doará alimentos para auxílio à comunidade em suas necessidades, irá realizar dos projetos nas Escolas e Entre para Somar, focados em educação para o trânsito, em instituições de ensino indicadas pelas comunidades e terá a participação das comunidades no projeto Quem é Este Gigante, que inclui visitação na Sogil com translado gratuito de ida e volta, lanche e brinde. Um evento, realizado nesta semana, na sede da empresa, reuniu representantes das quinze comunidades selecionadas para integrar este plano de apoios. A proposta apresentada para o ano foi muito bem recebida pelos participantes, que

valorizaram a parceria com a Sogil. Ney Marques, presidente da Associação dos Skatistas da Aldeia de Gravataí (Assagra), falou sobre a importância da parceria: – Esse apoio foi um marco para a nossa associação, não só pela contribuição financeira e sim pela forte marca que tem dentro da nossa cidade. Em nome de 140 crianças e jovens cadastrados, nossos sinceros agradecimentos à família Sogil. Este é o terceiro ano que a Sogil oferece um pacote de apoios a diversas comunidades de Gravataí. A ideia é oferecer o auxílio antes de ter o auxílio solicitado. – Invertendo o processo, percebemos que as comunidades conseguem se planejar melhor para as ações e aproveitar muito mais o nosso apoio. Estamos entrando no terceiro ciclo deste projeto com a certeza de que foi uma iniciativa muito bem sucedida – declara a diretora de Desenvolvimento de Recursos Humanos, Ana Cristina Pastro Pereira. Estas ações integram o projeto da Sogil Parceria Gigante, que possui foco em aprimorar o relaciona-

Fotos divulgação/jg

Áries: A Lua em Câncer é pressionada por Plutão e Urano, e questões domésticas mal resolvidas vêm à tona. Saturno em ótimo aspecto com a mesma Lua possibilita estabilidade nos sentimentos para que boas decisões sejam tomadas Touro: A Lua em Câncer é pressionada por Plutão e Urano e você pode sentir um excesso de pensamentos um tanto desgovernados. Medite, relaxe e abra espaços dentro de si para a estabilidade mental e emocional.

Ney Marques, da Assagra, dá seu depoimento

mento entre a empresa e as comunidades de Gravataí. Outras entidades também receberão os recursos das campanhas sociais promo-

vidas pela Sogil em 2013, como doação de agasalhos, ovos de Páscoa, material escolar, brinquedos no Natal e no Dia Criança.

Saiba quais são as entidades beneficiadas em 2013 - CTG Rincão da Amizade - Fundação Casa dos Sonhos - Centro Comunitário dos Amigos e Moradores do Parque Itatiaia - Pastoral da Criança Núcleo Santo Inácio - ADVA – Associação das Pessoas com Deficiência Visual e Amigos de Gravataí - CTG Carreteiros da Saudade - Igreja Assembléia de Deus (Programa Social Congregação Vila Americana) - Comunidade Luterana da Renovação (Projeto Ensina-me o Caminho) - Amvesvi (Associação dos Moradores da Vila Elisa e Loteamento São Vicente) - Associação de moradores Amprepar - Assagra (Associação dos Skatistas da Aldeia de Gravataí) - CTG Tropeiro dos Pampas - Asseve - Associação Esportiva Vida e Esporte - Ascoma - Associação dos Moradores do Núcleo Habitacional Ministro Mário Andreazza - Associação Comunitária Muda Xará

Gêmeos: A Lua em Câncer é duramente pressionada por Plutão e Urano, e você deve manter suas finanças sob controle. Saturno pede estabilização e discernimento nos gastos e reorganização financeira. Câncer: A Lua passa pelo seu signo e é duramente pressionada por Plutão e Urano, podendo trazer à tona situações emocionais mais profundas. Saturno em ótimo aspecto com a mesma Lua pede discernimento e abertura para a estabilidade emocional. Leão: A Lua em Câncer recebe forte pressão de Plutão e Urano, e seu passado pode vir à tona em forma de pensamentos, sentimentos ou mesmo na vida prática. O momento é ótimo para rever escolhas e deixar para trás emoções antigas. Virgem: A Lua em Câncer recebe forte pressão de Plutão e Urano, e pode trazer algumas dificuldades em um trabalho em equipe ou mesmo em uma amizade. Procure se isolar um pouco das atividades sociais. Um contrato pode apresentar dificuldades. Libra: A Lua em Câncer é duramente pressionada por Plutão e Urano e obriga você a rever algumas decisões tomadas, relacionadas às suas metas profissionais. Saturno pede discernimento e organização no mesmo setor. Escorpião: A Lua passa pelo signo de Câncer e recebe fortes pressões de Plutão e Urano, movimentando de maneira transformadora seus planos e projetos futuros. O momento pode ser ótimo para estabilizar ideias e contatos. Sagitário: A Lua passa pelo signo de Câncer e, pressionada por Plutão e Urano, movimenta seus sentimentos e emoções na direção de mudanças. Um relacionamento pode mexer de maneira mais profunda com você. Capricórnio: A Lua em Câncer recebe fortes pressões de Plutão e Urano, e movimenta seus relacionamentos. Um problema no setor pode vir à tona e causar dificuldades. Cuidado com malentendidos e confusões na comunicação.

Pessoas da comunidade ouvem atentamente as explicações

Sogil apoiará entidades da Aldeia

O Dobro ou Nada Beth Raymer (Rebecca Hall) é uma sonhadora incorrigível que trabalha como dançarina em uma casa de strip-tease em Tallahassee. Sua vida muda quando conhece Dink Heimowitz (Bruce Willis), um dos jogadores mais conhecidos da atualidade, que participará de um campeonato de pôquer em Las Vegas. Beth logo se torna sua assistente, mas precisa lidar com as ameaças da esposa de Dink, Tulip (Catherine Zeta-Jones), uma show girl aposentada.

Aquário: A Lua em Câncer recebe uma forte pressão de Plutão e Urano, e pode trazer alguma dificuldade em seu dia de trabalho. A saúde pode também estar mais frágil no dia de hoje. Cuide de seu mundo emocional. Peixes: A Lua passa pelo signo de Câncer e movimenta seu coração, podendo trazer certa angústia e necessidade de mudar o rumo de algumas situações, especialmente as que envolvem os romances. Tensão na relação com os filhos.


JORNAL DE GRAVATAÍ Sexta-feira a Domingo, 22 a 24 de fevereiro de 2013

~

Especial de Verao - Por Katterina Zandonai

Fuja do tedio Cozinhe, jogue, converse e brinque: com criatividade até o dia mais cinza pode ser divertido. Confira as dicas para você aproveitar os dias de chuva sem perder a diversão. Faça uma sessão de DVDs, se arrisque na cozinha, chame os amigos e tire o pó dos seus jogos de tabuleiro. Por fim, está a fim de viver uma grande aventura, mas a chuva não te deixa sair de casa? Leia um livro.

Andar d escalco na prai a Ao andar d e s c a lç o p ra ia c u id na ado com a a re q u e n te e ia ta m b é m c om as doenças p ro v o c a d as por la rv a s o u fu n g o s q ue se escondem n a a re ia . De p re fe rê n c ia u s e u m c h in e lo le v e e c o n fo rt á v e l.

os d e s e r Liv Insetos

Quem n ao tem colirio Não se

esqueça dos ócu escuros. los Mas não adianta qualquer ser um: ele p recisa te teção ult r proravioleta total para tar queim eviaduras d a córnea retina, qu e da e causam lesões ir reversíve is.

u? Esquento

, com saúde tar do sol u fr s e id fe l ra o a P guarda-s modelos de sado. Disopte pelos rial mais pe te a m e a n e pano tos de lo u aqueles d o n o il á n e m pense os d sos e deixa muito poro o ã s o n fi o ã mais da radiaç is de 90% passar ma . Prefira os ultravioleta de de cor guarda-sóis s cores esclara, pois a rvem mais curas abso calor, o que radiação e local. esquenta o

um bom rena bagagem re p m e s para que Leve cia natural n rê fe re p e s não pelente, d conveniente in s o h in it u q s aqueles mo ua viagem. s m e u g estra

Da cor do verAo Indep enden temen te do tipo da sua pele, você deve semp re usar um filtro solar adequ ado. Passe o filtro pelo meno s meia hora antes de se expor aos raios solare s e a cada duas horas faça uma nova aplica ção. Não esque ça de aplica r o filtro també m nas mãos ,orelh as, pálpe bras e pés, que receb em a mesm a incidê ncia do sol. Utilize també m protet or labial e protet ores para o cabe- lo para amenizar os efeito s da água do mar.


Veículos & CIA Caderno semanal do Jornal de Gravataí - Sexta a Domingo, 22 a 24 de fevereiro de 2013 - ANO 3 - No 163

Menos poluente, Mille tem os dias contados

O

Modelo da Fiat é o que menos emite gases na atmosfera. Campeã de emissões é a Kia Carnival

automóvel mais ambientalmente correto que roda no Brasil está com os dias contados. Isso porque, a partir de 2014, quando todos os veículos devem sair de fábrica com airbag e ABS, o Fiat Uno Mille precisará deixar a linha de produção. Pois foi sua versão Fire Economy que encabeçou o estudo Ranking de Veículos em Emissões de CO2 por quilômetro rodado. Esse ranking foi elaborado pela consultoria Personal CO2 Zero com base nos registros oficiais do Ibama (Instituto Brasileiro de Meio Ambiente). O modelo emite 52,302 gramas de CO2/km. A consultoria considerou a informação básica de que a emissão de gases por automóveis está diretamente ligada ao consumo de combustível, ou seja, aquele que é mais eficiente (que percorre maior quilometragem por litro) tem um menor volume de emissões de CO2. - A tecnologia empregada nos motores e a forma de dirigir impactam diretamente nas emissões

de gases de efeito estufa. Esses fatores devem ser difundidos para conscientização dos consumidores, inclusive no momento da compra de um veículo, afirma Daniel Machado, CEO da Personal CO2 Zero. “As metas de incentivo com base na redução de emissões deveriam ocupar maior destaque no programa de isenção fiscal e deveriam ser absolutas, a exemplo de como é feito na Europa, e não relativas (redução em percentual), como é o que vem sendo sugerido. Outra questão é possibilitar reduções graduais de emissões, como forma de estimular a indústria a investir em pesquisas e no desenvolvimento contínuo.” VEJA MAIS No ranking os veículos foram divididos ainda entre os “amigos do meio ambiente” (os que menos emitem) e os “despreocupados” (os que mais emitem). São “amigos”, cada um em sua faixa de cilindrada, além do Mille, os modelos Honda Fit, Toyota Co-

Modelo da Fiat é o que menos emite rolla, Nissan Sentra (flex), Chevrolet S10 e Mitsubishi L200 Triton. Os campeões de emissões (estão entre os “despreocupados”) são Kia

Carnival (com 256,04 gramas de CO2/km), Subaru Forester, Nissan Sentra (a gasolina), Nissan Tiida, Citroën Berlingo e JAC J5.

Amigos do meio ambiente Honda Fit Mitsubishi L200 Triton Toyota Corolla Nissan Sentra (flex) Chevrolet S10

campeã de emissões é a Kia Carnival


2

Veículos & CIA

Sexta a Domingo, 22 a 24 de fevereiro de 2013

Chinesa Geely Motors estreia no Brasil em agosto Projeto de importação inclui uma fábrica no Brasil para fugir de imposto

O

Grupo Gandini, impor tadora da marca sul-coreana Kia Motors, anunciou nesta quar ta-feira (20) que a par tir de agosto deste ano iniciará a impor tação e distribuição dos automóveis da chinesa Geely International Corporation. Para isso, o gr upo criou a Geely Motors do Brasil. Segundo a empresa, o contrato comercial entre a Geely International Corporation e a Gandini Par ticipações havia sido assinado em julho de 2011. No entanto, dois meses depois, em 15 de setembro, com a diferenciação de 30 pontos percentuais no IPI entre carros nacionais e impor tados, instituída por meio do Decreto 7.567, o projeto de impor tação de automóveis Geely teve de ser repensado. Segundo José Luiz Gandini, presidente do Grupo Gandini, o projeto Geely só voltou a ter viabilidade econômica com

a linha de montagem de dois modelos da marca chinesa, com início previsto para o segundo semestre deste ano em Montevidéu, no Uruguai, e também com planos, por par te da direção chinesa, de ter uma unidade fabril no Brasil. Diante do fato de o Grupo Gandini já ter, sob seu controle, a Kia Motors do Brasil e para que as operações da Geely Motors do Brasil tenham total independência administrativa e comercial, foi nomeado Ivan Fonseca e Silva para assumir a presidência, executivo que já esteve no comando da Ford Brasil, Aston Mar tin e Jaguar. Hatch LC 1.0 e sedã EC7 O primeiro Geely a ser comercializado no país será o sedã médio EC7, a par tir de agosto próximo, quando a impor tadora espera ter nomeado cerca de vinte concessionárias, inicialmente nas regiões Sul e

Sudeste. Em novembro, a Geely Motors do Brasil lança o hatch compacto LC 1.0. Ambos os modelos virão da nova linha de montagem da Geely Inter national Corporation em Montevidéu, no Uruguai. “Embora a linha de produtos Geely International Corporation seja mais ampla, vamos trazer inicialmente os modelos

a serem produzidos no Uruguai”, enfatiza o presidente da Geely Motors do Brasil. “Antes do projeto Uruguai, os carros da Geely vindos diretamente da China estavam inviabilizados, sob o ponto de vista de preço final do consumidor, já que os modelos competem diretamente com outros impor tados e nacionais das mesmas categorias”,

complementa. O sedã EC7 virá nas versões com câmbio mecânico de cinco marchas e automático CVT, com motor 1.8 de alumínio, que gera 140 cavalos de potência. A Geely Motors do Brasil vai disponibilizar o EC7 com ar-condicionado, direção hidráulica, bancos revestidos em couro, entre outros itens de conforto de série.

Números da Geely O faturamento do grupo Geely, em 2012, foi da ordem de US$ 23 bilhões. Somente com a marca Geely, o grupo produziu em 2012 mais de 491 mil unidades, o que significou um aumento de vendas de 16% em relação ao ano anterior. Também em 2012, a Geely foi a montadora chinesa que mais exportou, com volumes superiores a 100 mil unidades.

BMW Série 6 Gran Coupé chega por R$ 399.950 A BMW apresentou nesta semana o Série 6 Gran Coupé que, a partir do mês que vem, completa a gama já constituída por Série 6 Cabrio e Série 6 Coupé. O carro custará R$ 399.950. Segundo a marca, é o primeiro cupê de quatro portas na história da marca, que vem para brigar com Audi A7 Sportback (R$ 372.485), Mercedes-Benz CLS (a partir de R$ 369.900) e Porsche Panamera (a partir de R$ 399.000). A marca pretende vender 50 unidades até o fim do ano. É a primeira notícia de um lançamento

neste ano que já começou agitado para a marca. No final do mês passado, a primeira “bomba”: após sete anos no comando da empresa, Jörg Henning Dornbusch anuncia sua saída “para assumir novos desafios profissionais”. Ele passou a dirigir o grupo Eurobike, que comecializa 12 marcas no Brasil, entre elas a BMW, mas também Audi e Jaguar, entre outras. Uma semana depois, a marca de motocicletas suecas Husqvarna, até então pertencente à BMW, foi vendida para a empresa austríaca Pierer Industrie AG quando estava em plena fase de estruturação no Brasil – com direito a espaço exclusivo nas concessionárias da BMW e até uma competição monomarca. Assim, pelo menos por enquanto, o retorno ao Brasil foi cancelado. O cupê Na configuração 640i, única oferecida a princípio, o Série 6 Gran Coupé traz motor 3.0 turbo de seis cilindros em linha, com

320 cavalos de potência e 45,9 kgfm de torque, acoplado a um câmbio automático de oito velocidades. A BMW também venderá o ainda mais poderoso 650i, dotado de um 4.4 V8 turbo, de 450 cv, mas que ainda não tem data de lançamento e preço definidos. Dinamicamente, o 640i ainda faz jus ao preço e à distinta categoria em que se encaixa por trazer sistema start/stop, freios com regeneração de energia, suspensão dianteira de eixo duplo e eixo traseiro integral, direção elétrica, amortecedores adaptativos, sistema Adaptive Drive (que muda o comportamento do carro conforme os desejos e necessidades do condutor), rodas aro 19, entre outros. Quanto aos equipamentos, há bancos de couro com ajustes elétricos, teto solar em cristal, sensores de estacionamento traseiros e frontais, câmera de ré com Top View, sistema de som com amplificador, equaliza-

dor e sete alto-falantes, sistema de navegação em tela de 10,2 polegadas, internet a bordo, seis airbags, ABS e controles de estabilidade e tração. Tudo isso num “pacote” enorme: são 5 m de comprimento, 2,97 m de entre-eixos, 1,89 m de largura e 1,39 m de altura. O porta-malas leva 460 litros, mas pode ter sua capacidade ampliada para 1.265 litros.


Sexta a Domingo, 22 a 24 de fevereiro de 2013

Veículos & CIA

Com tecnologia flex, nova Honda CB 300R parte de R$ 11.990 Modelo chega às lojas da marca com sutis mudanças no visual

A

presentadas no final do ano passado, as novas Honda CB 300R e XRE 300, ambas com recebendo tecnologia flex, tiveram os valores divulgados pela empresa nesta semana. Além de receber a nova tecnologia na motorização, os modelos passaram por sutis alterações na estética. A urbana CB 300R custa a partir de R$ 11.990 e a aventureira XRE tem valor inicial de R$ 13.290. Os modelos chegaram este mês às concessionárias da empresa e também possuem versões com freios ABS disponíveis. Com o dispositivo de frenagem, a CB custa R$ 13.690, ao passo que a XRE tem preço sugerido de R$ 14.990. A previsão inicial da empresa era começar a vender as motos em janeiro de 2013, porém, houve atraso de um mês. O G1 questionou a fabricante sobre o motivo do atraso e aguardo um posicionamento oficial. A tecnolgia flex em motos de 250/300 cilindradas foi inaugurada pela Yamaha Fazer 250 Blueflex em 2012, apesar de a Honda ser pioneira em motos bicombustível, com a CG em 2009. Mudanças de preços As novidades nos modelos também renderam alterações nos valores, em relação aos antigos modelos que rodavam apenas com gasolina. As versões 2012 da CB 300R custavam R$ 11.690 (standard) e

R$ 13.990 (C-ABS), enquanto os preços da XRE eram R$ 12.890 (standard) e R$ 15.390 (C-ABS). Ou seja, os modelos básicos ficaram mais caros e os com sistema ABS mais baratos. Características técnicas De acordo com a Honda, para orientar o uso de gasolina e etanol no tanque das motos, o painel traz uma nova luz indicadora, que acenderá sempre que houver uma elevada concentração de etanol (álcool) no tanque e temperatura ambiente abaixo de 15ºC. Isto indicará uma possível dificuldade de partida a frio do motor, informa a fabricante, e após o aquecimento do motor, a luz se apagará. A empresa divulga que é necessário um mínimo de 20% de gasolina no tanque para garantir a partida a frio. Para rodar com os dois combustíveis, foram realizadas alterações no sistema de injeção eletrônica. O motor da CB 300R gera 2,82 kgf.m a 6.500 rpm e potência 26,53 cv a 7.500 rpm quando abastecida a gasolina. Com etanol, os valores mudam para 2,86 kgf.m a 6.500 rpm e 26,73 cv a 7.500 rpm. No caso da XRE 300, a potência máxima é de 26,1 cv a 7.500 rpm e torque 2,81 kgf.m a 6.500 rpm quando abastecida com gasolina, e 26,3 cv e 7.500 rpm e 2,85 kgf.m a 6.500 rpm, respectivamente, quando tiver etanol.

Honda apresenta nova VTR 250 F A Honda lançou, no Japão, a nova VTR 250 F, que trata-se de uma versão semi-carenada da VTR 250. Além de ganhar esta opção, a VTR recebeu algumas melhorias no conjunto, como nova configuração para a injeção eletrônica e ajustes nas suspensões dianteira e traseira. A princípio, o modelo será destinado ao país asiático e a marca ainda não se pronunciou sobre a presença em outros mercados. Em relação à versão original da VTR, a F ganhou novo farol dianteiro, muito similar ao da CBR 250R, e a carenagem que vai até o início do tanque - por isso trata-se de uma semi-carenagem e não o advento completo.

3


4

Veículos & CIA

Sexta a Domingo, 22 a 24 de fevereiro de 2013

Carros alagados têm conserto?

C

onsertar o carro atingido por enchente é possível, mas o preço e o tempo necessários para o serviço dependerão da gravidade dos danos. U ma coisa é certa: se demorar, estraga mais. “Perdem-se faróis e módulos e o cheiro no interior fica mais forte. Aí vai sair mais caro”, afirma Roberto Gozzo empresário do ramo de polimentos. “Há três níveis de comprometimento”, explica Rubens Venosa dono de uma oficina. “O primeiro atinge até o assoalho apenas.” Mais simples, esse reparo requer trocar óleos de câmbio e de diferencial, entre outros Além da parte mecânica, também será necessário lavar o interior e substituir feltros. O nível intermediário é caracterizado quando a água atinge o painel e compromete a parte elétrica. Há, ainda, risco de danos ao motor. “O maior prejuízo é na parte eletrônica”, diz Luís Augusto Franco da Rocha, da oficina Carbo Freio Manutenção e Peças. Se ocorreu calço hidráulico, a retífica é imprescindível. Na cabine, será necessário tirar o painel, lavar bancos e trocar feltros. Caso o carro seja totalmente coberto pela água, o que Venosa chama de terceiro nível, o comprometimento mecânico e elétrico é mais extenso. “O veículo nunca voltará a ser o que era”, afirma o especialista. “Há chance de dar defeito para o resto da vida.” Gozzo diz que é possível reparar, mas o carro tem de ser completamente desmontado. Mercado “Carro que teve o reparo dos estragos malfeito perde em torno de 30% do valor na hora da revenda”, afirma Flávio Medeiros, supervisorcomercial de uma concessionária Fiat. “A gente percebe na hora pelo carpete ou na carroceria. Outro indício é o cheiro forte”, explica. Mas ele afirma que se o conserto foi bem executado, é difícil de ser percebido, o que evita a depreciação excessiva. Na hora de comprar um veículo usado, só dá para saber se ele passou por enchente se houver uma checagem minuciosa. “Um mecânico criterioso consegue perceber vestígios de terra em cantos e emendas da carroceria ou dentro da porta, por exemplo”, ensina Venosa. Outra dica é olhar carpetes e a montagem do acabamento. “Enrugamento

Serviço precisa ser feito rapidamente. Preço pode chegar a R$ 15 mil

dos tecidos indica reparo.” SEGUROS COBREM PREJUÍZO Em casos de enchente ou queda de postes, cabos elétricos e árvores sobre o veículo, a maioria dos seguros dá direito a indenização. O segurado deve comunicar a ocorrência o quanto antes ao corretor ou para a central de atendimento da companhia, solicitando um guincho. O dono do carro também pode leválo à oficina de sua preferência, mas não deve autorizar o conserto antes da liberação do inspetor de seguros. Só não receberá a indenização o motorista que agravar intencionalmente o risco ao qual o bem segurado está exposto, como tentar atravessar vias alagadas mesmo após observar que o nível da água está muito alto. Segundo as seguradoras, apenas as apólices que só cobrem terceiros não dão direito ao reembolso. A PREFEITURA PODE SER ACIONADA Qualquer pessoa que teve o veículo avariado por enchente, danificado em virtude de queda de árvores ou mesmo engolido por um buraco, por exemplo, pode acionar a Prefeitura na Justiça e exigir indenização pelos prejuízos.

Nesses casos serão feitas análises para verificar se os danos não foram ocasionados por imprudência ou imperícia do motorista. Os advogados especializados no assunto alertam que o processo é demorado, mas as chances de vitória

existem, e dependendo do caso, elas são grandes. É importante lembrar que, caso a Prefeitura seja condenada a pagar indenização, o beneficiado recebe o ressarcimento na forma de títulos precatórios, cujo pagamento pode levar anos.

MANUTENÇÃO Em casos mais simples, a mecânica parte de R$ 300. Já a tapeçaria vai de R$ 500 até R$ 2mil. O serviço leva cerca de três dias para ficar pronto; Se a água chegar ao painel, reparar os módulos eletrônicos pode custar R$ 15 mil. Retificar o motor vai de R$ 3 mil a R$ 8 mil. Nesse caso, refazer a tapeçaria parte de R$ 1.500 e leva dez dias; Em submersão total, além dos reparos mecânicos acima, tratar a tapeçaria parte de R$ 10 mil e o serviço demora 40 dias.


ANO 8 - EDIÇÃO 1644ª - DIÁRIO - SEXTA-FEIRA A DOMINGO, 22, 23 E 24 de fevereiro DE 2013 - R$ 1,00