Page 21

tol ta Dez anos do Pessoal 2)

p.

Cinema

Bons filmes na programação do cinema em Mossoró

3)

p.

Fase mística

Terça-feira, 13 de novembro de 2012

Comente!

Maitê Piragibe comemora a volta à tevê como protagonista da nova minissérie da Record

@defato_rn /jornaldefatorn /photos/jornaldefatorn

do Tarará

A última semana de trabalho em Teresina, dentro do Festival Nacional, foi um momento especial para o grupo, que conquistou cinco, dos sete prêmios que concorria

H

oje, o Grupo de Teatro O Pessoal do Tarará completa os seus 10 anos de existência. Fundado em 13 de novembro de 2002 o grupo não parou de trabalhar em nenhum momento de sua trajetória, composta de dificuldades e conquistas, através de muito trabalho de seus integrantes. Não à toa, o grupo ganhou 5 prêmios em Teresina, na semana passada, e agora se prepara para dois finais de semana em Natal, uma semana em Juazeiro, outra em João Pessoa, além de inaugurar o seu novo espaço em Mossoró com uma série de atividades, bem como já tem projetos aprovados para seguir trabalhando em 2013. A última semana de trabalho em Teresina, dentro do Festival Nacional, foi um momento especial para o grupo, que conquistou cinco, dos sete prêmios que concorria com o espetáculo Aurora Boreal: melhor espetáculo, melhor ator (Dionízio do Apodi), melhor diretor (Dionízio do Apodi), melhor iluminação (Maxson Ariton e Dionízio do Apodi), além de melhor figurino. Participaram do festival, grupos do Piauí, Ceará, Maranhão, Minas Gerais e Rio de Janeiro. “Nós temos a consciência de que ganhar prêmio não nos deixa maior ou menor que ninguém. Mas é bom ganhar prêmio. Por que não? Mas isto aumenta a nossa responsabilidade, e o resultado disto tudo é que passamos a trabalhar muito mais”, explica o diretor e ator Dionízio do Apodi, um dos fundadores d´O Pessoal do Tarará.

Nesta semana de comemorações o grupo volta a Natal, capital do RN, para apresentar o seu mais novo espetáculo, Aurora Boreal, na Casa da Ribeira, nos dias 16 (sexta-feira), 17 (sábado), e 18 (domingo), sempre às 20h, com ingresso popular, custando R$ 10,00 (dez reais). “Convidamos os natalenses para apreciarem este espetáculo, e os mossoroenses que residem na capital também, pois sabemos que este trabalho é importante para o momento em que nossa sociedade vive”, destaca o ator Antônio Marcos. O outro novo espetáculo do grupo, Sem Palavras, também se apresentará na Casa da Ribeira, só que nos dias 23, 24 e 25 deste mês, mas sempre nos mesmos horários e valores de ingressos, populares. “sabemos que tem muita gente em Natal que curte o nosso trabalho, e queremos ver a Casa da Ribeira cheia, durante os dois próximos finais de semana. Será o presente que Natal pode nos dar”, explica Antônio Marcos. Estas apresentações na Casa da Ribeira, integra o Edital Cena Aberta Nordeste, da própria Casa, sendo fruto do Prêmio Procultura de Estímulo ao Circo, Dança e Teatro da Funarte e Ministério da Cultura. De 20 a 23 deste mês, outra parte do grupo viaja para Juazeiro do Norte, no Ceará, onde ministra uma oficina de formação artística, baseada nos processos de montagens que o grupo viveu ao longo desta década. A ação acontecerá no CCBNB daquela cidade, numa parceria com o

Banco do Nordeste. “Já tivemos em Juazeiro diversas vezes com os nossos espetáculos, mas agora vamos levar formação, de acordo com os processos que trabalhamos”, afirma Dionízio do Apodi. Dia 30 deste mês é a data marcada para, dentro desta programação de aniversário, O Pessoal do Tarará inaugurar a sua nova sede, no início do bairro Abolição III, com espaço de encenação e capacidade para 60 pessoas. A inauguração acontecerá com o espetáculo Sem Palavras, que cumprirá dois dias de apresentações, com preços populares. “Nosso espaço servirá também aos grupos de Mossoró, que poderão cumprir temporadas num espaço aconchegante, compacto, com possibilidades dos artistas de teatro desenvolverem o seu ofício. Estamos felizes com esta conquista, e convidamos Mossoró para abraçar este nosso projeto, frequentando-o, pois terá uma programação semanal”, afirma o ator Maxson Ariton. Para o novo espaço do grupo, que terá a sala de apresentações chamada “Rosi e Ludmila”, o grupo prevê a estréia de Aurora Boreal (ou Casca de Noz) em Mossoró, no dia 7 de dezembro, como espetáculo montado através dos recursos do Prêmio Fomento à Cultura, da Prefeitura de Mossoró. “É um espetáculo que já nos deu muita felicidade, apesar de jovem, nos levando para Natal, Fortaleza, São Paulo, Rio de Janeiro e Teresina, mas queremos apresentar na nossa terra, para que os nossos conterrâneos possam ver este novo trabalho, feito com tanta dedicação”, destaca Maxson Ariton.

INTERCÂMBIOS Em dezembro O Pessoal do Tarará faz intercâmbios com grupos de João Pessoa (PB). Já no início do mês, o grupo Alfenim visitará Mossoró para apresentar um espetáculo na nova sede do grupo, fazer uma intervenção na rua, na Praça do Portal do Saber, na Baixinha. Em seguida o grupo viaja para João Pessoa, onde apresentará Aurora Boreal e Sem Palavras no espaço do grupo Piollin, além de fazer intercâmbio, também, com o grupo Os Fodidários. “Estamos ansiosos para realizarmos estes intercâmbios, pois serão os primeiros encontros destes grupos, e que não temos dúvidas, que se transformarão em grandes parcerias”, afirma a integrante Aninha Nunes. NOVOS PROJETOS Mesmo com muita coisa ainda para realizar em 2012, O Pessoal do Tarará, através da aprovação de projetos e início de novas parcerias, já começa a desenhar um 2013 com muito trabalho, a exemplo de todos estes anos. “Temos um projeto que já estamos para começar, com o Fórum de Mulheres Deficientes de Mossoró, através do Programa Banco do Nordeste de Cultura, com patrocínio do Governo Federal, BNDES e Banco do Nordeste. Já na semana passada aprovamos um outro projeto junto a Funarte, do Ministério da Cultura, onde vamos levar o espetáculo Sem Palavras e uma oficina a 10 municípios da região”, explica outro integrante do grupo, Igor Moreira.

Jornal de Fato  

Jornalismo de Verdade

Jornal de Fato  

Jornalismo de Verdade

Advertisement