Page 1

WWW.JMIJUI.COM.BR

Ijuí, Sexta-feira, 28 de outubro de 2016

Cátia Nehring é eleita nova reitora da Unijuí

Ano 43 - Nº 368

R$ 3,00

MP tentará antecipar decisão sobre investigados Objetivo é evitar diplomação de vereadores acusados. | 9

Estado não doará doses de vacinas para aftosa Produtor terá que fazer a aquisição a partir de agora . | 4

Ensino Médio terá mudanças em 2017 Fernando González, Cátia Nehring, Cristina Pozzobon e Dieter Siedemberg integram nova reitoria |

7

CRE estuda aumento de carga horária de duas disciplinas. | 7

Simples Nacional é sancionado e amplia benefícios Crescer sem Medo amplia prazo para pagamento de dívidas tributárias de microempresas. | 3

Arteterapia auxilia pacientes do Caps Participantes do projeto lamentam o encerramento das atividades e relatam experiência. | 4

QUALIDADE DE VIDA Grupo do ESF do Glória recebeu orientações sobre o cuidado com a saúde | 4

cmyk


RADAR

SAÚDE - Amanhã é o Dia Mundial de Combate ao Acidente Vascular Cerebral (AVC), ou derrame cerebral. O AVC é um entupimento ou rompimento de vasos que levam sangue ao cérebro, o que ocasiona uma paralisia na área em que acabou ficando sem a circulação sanguínea adequada. Existem dois tipos de AVC: o Isquêmico, quando ocorre o entupimento dos vasos que levam o sangue até o cérebro; e o Hemorrágico, que rompe os vasos sanguíneos provocando sangramentos no cérebro. Dados da Organização Mundial de AVC a World Stroke Organization apontam que seis em cada dez mortes por Acidente Vascular Cerebral acontecem com mulheres, devido ao número aumentado de fatores de risco CULTURA - Até o próximo ano, o uso de recursos à Lei Rouanet poderá ser feito através de uma única conta e com o uso de um cartão. A informação foi dada pelo ministro da Cultura, Marcelo Calero, durante depoimento à Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Câmara dos Deputados que apura irregularidades na concessão de benefícios e incentivos culturais. Calero disse que sua pasta já está negociando com o Banco do Brasil uma mudança no processo. Segundo ele, a dinâmica vai ajudar na rastreabilidade da movimentação financeira e acelerar o trabalho de prestação de contas. MEDICAMENTO - Portaria do Ministério da Saúde, publicada no Diário Oficial da União, torna pública a decisão de incorporar a tobramicina inalatória para o tratamento de infecção crônica das vias aéreas em pacientes com fibrose cística. De acordo com o texto, o relatório de recomendação da Comissão Nacional de Incorporação de Tecnologias no SUS (Conitec) sobre o medicamento será disponibilizado no endereço eletrônico http://conitec.gov.br/. SALÃO DE BELEZA - A chamada "Lei do Salão Parceiro" passa a regulamentar uma prática bem conhecida do setor de beleza: a atuação de profissionais que trabalham como autônomos dentro de estabelecimentos e que são remunerados por comissão e não necessariamente por salários. O projeto de lei que desobriga a contratação de profissionais de beleza no regime CLT foi sancionado ontem pelo presidente da República, Michel Temer. Atualmente, mais de 630 mil profissionais do setor de beleza atuam como MEI em todo o País.

cmyk

2

OLHO DA RUA INDICADORES

Poupança 27.10.2016 .....................0,6532 % Ouro 27.10.2016..................... R$ 128,00 (gr) Dolar Comercial (compra) ............ R$ 3,1540 Dolar Comercial (venda) ............. R$ 3,1546 Dolar turismo (compra) ............... R$ 3,0900 Dolar turismo (venda) ................... R$ 3,2900 Euro (compra) .............................. R$ 3,4385 Euro (venda) ................................. R$ 3,4391 IPC/FIPE Set/2016 ................................0,14% IGPM Set/2016 .....................................0,20% IPCA Set/2016 ......................................0,08% IGP-M set/16 ........................................0,20% IGP-DI Set/2016 ....................................0,03% ICV-Dieese set/16 .................................0,03%

LOTERIAS NÚMEROS EXTRA-OFICIAIS

1º 2º 3º 4º 5º

No Cemitério Jardim, por mais que exista um local de coleta de entulho, o lixo despejado ao lado do espaço é grande. Ao passo que o material é descartado de maneira irregular, o setor responsável pela limpeza, a Secretaria de Obras, faz a limpeza esporadicamente.

ENTRE ASPAS

"Sempre colocamos aqui que a nossa prioridade é outra. É o Brasileirão e vai continuar sendo. Não podemos pensar no Atlético. Nosso jogo é o jogo de sábado. Temos de respeitar o Santa Cruz", disse o técnico do Internacional, Celso Roth. "Nosso time, pela análise, faltava um pouco de profundidade. Tínhamos que manter mais a posse de bola, facilitou nossas movimentações. Não tem o que falar hoje, foi quase à perfeição", disse o técnico do Grêmio, Renato Portaluppi.

Getúlio

4219

11 13 26 31 73

"A ministra Cármen Lúcia é um dos quadros mais qualificados do País, comanda o Supremo num momento tão difícil, tão importante, que a gente precisa garantir essa harmonia. Tenho certeza que a gente vai garantir essa harmonia entre os Poderes", disse o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ).

"Somente a Secretaria da Segurança não vai resolver todas as dificuldades que enfrentamos no RS. Por isso, precisamos unir esforços, poder público e sociedade civil organizada no enfrentamento dos problemas", disse o secretário da Segurança Pública, Cesar Schirmer.

1.993 8.004 2.521 9.887 5.829

QUINA

“A Assembleia vai saber o que fazer”, disse o governador José Ivo Sartori sobre o pedido de impeachment protocolado pelo Cpers-Sindicato.

"Enxergo sinais de recuperação do crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) brasileiro e do setor siderúrgico, mas o curto prazo ainda será difícil para a indústria", disse o CEO da Gerdau, André Gerdau Johannpeter.

-

CONCURSO nº

MEGA SENA CONCURSO nº

Resultados de quarta

DEPOIS DA CHUVA- As famílias que precisaram deixar suas casas por causa das chuvas da semana passada já estão retornando e os municípios começam a restabelecer a normalidade. A Defesa Civil mantém estado de atenção para os níveis dos rios Jacuí, Uruguai, Caí, Taquari, Camaquã, Guaíba, Ibirapuitã e dos Sinos. Com a melhora do tempo desde ontem, a tendência é que os rios voltem ao normal e todas as famílias possam retornar para suas residências antes mesmo do fim de semana. As equipes de Defesa Civil continuam prestando apoio técnico às prefeituras e, até o momento, 13 municípios já têm decreto de situação de emergência. São eles: São Sebastião do Caí, Bom Princípio, Pareci Novo, Liberato Salzano, Pantano Grande, Montenegro, Ernestina, Getúlio Vargas, Vila Maria, Santo Antonio do Palma, São Domingos do Sul, Gentil e Catuípe.

Jornal da Manhã

Sexta-feira, 28 de outubro de 2016

1870

18 20 30 32 33 40 LOTOFÁCIL CONCURSO nº

1428

02 03 04 05 06 08 09 13 17 18 19 20 21 22 25

PREVISÃO DO TEMPO Fonte: Climatempo


Notícias

Jornal da Manhã

Sexta-feira, 28 de outubro de 2016

MICROEMPRESAS

Crescer sem Medo é sancionado por Temer

O presidente da República, Michel Temer, sancionou ontem, no Palácio do Planalto, o Projeto de Lei Complementar (PLC) 25/2007 – Crescer sem Medo. Um dos principais pontos é a ampliação do prazo de parcelamento de dívidas tributárias de micro e pequenas empresas de 60 para 120 meses. As novas regras para quitação dos débitos entram em vigor logo após a regulamentação, que será feita em até 90 dias pelo Comitê Gestor do Simples Nacional (CGSN), vinculado à Receita Federal. Cerca de 600 mil micro e pequenas empresas devem R$ 21,3 bilhões para a Receita Federal. De acordo com o presidente do Sebrae, Guilherme Afif Domingos, a ampliação do prazo é essencial para que esses negócios consigam permanecer no Simples Nacional. “É um fôlego a mais para que os pequenos negócios continuem com as portas abertas e gerando empregos. Nós lutamos e conseguimos um prazo excepcional, ou seja, de exceção. Nós podemos refinanciar essas dívidas em até 120 meses”, comemorou. O presidente da República, Michel Temer, destacou que o Crescer sem Medo é fruto de uma negociação intensa entre os poderes Executivo, e Legislativo e sociedade. “Dialogamos com a classe empresarial e com os traba-

Presidente Temer sancionou medida que amplia benefícios do Simples

lhadores. O emprego é o primeiro dos direitos sociais. Esse ato é um gerador de empregos”, declarou. Além do aumento do prazo de parcelamento dos débitos tributários, o Crescer sem Medo eleva, a partir de 2018, o teto anual de faturamento do Microempreendedor Individual (MEI) de R$ 60 mil para R$ 81 mil e cria uma faixa de transição de até R$ 4,8 milhões de faturamento anual para as empresas que ultrapassarem o teto de R$ 3,6 milhões. A redução de seis para cinco tabelas e de 20 para seis faixas, com a progressão de alíquota já praticada no Impos-

to de Renda de Pessoa Física, é outra alteração prevista para 2018. Assim, quando uma empresa exceder o limite de faturamento da sua faixa, a nova alíquota será aplicada somente no montante ultrapassado. A proposta também regulamenta a figura dos investidoresanjo, aquelas pessoas que financiam com recursos próprios empreendimentos ainda em seu estágio inicial, e permite que os pequenos negócios do segmento de bebidas (cervejas, vinhos e cachaças) possam optar pelo Simples Nacional.

3

Estado cai no ranking das exportações No terceiro trimestre de 2016, o RS exportou US$ 4,784 bilhões, uma queda de 13,3% em relação ao mesmo período de 2015 (US$ 734,0 milhões). Os dados foram divulgados ontem pela Fundação de Economia e Estatística (FEE) e evidenciam que o volume das vendas externas recuaram 11,5%, e os preços médios dos produtos exportados apresentam queda de 2%, em relação ao mesmo período do ano passado. O resultado deixa o Estado gaúcho como o quarto maior exportador com 9,7% das vendas externas brasileiras, perdendo, assim, uma posição para o Rio de Janeiro. O desempenho gaúcho foi inferior ao nacional, cujas exportações registram aumento de 2,1% em valor, 0,2% em volume e redução de 2,3% em preços. Segundo Renan Xavier Cortes, coordenador do Núcleo de

Dados e Estudos Conjunturais da FEE, o principal fator para este recuo expressivo no terceiro trimestre de 2016 vem da retração em valor e volume que ocorreu em setembro, no comparativo com 2015. “Em setembro de 2015 houve a venda do casco da plataforma P-67 para a China, que, sozinha, representou US$ 394,2 milhões. Trata-se de uma venda atípica, que impacta o comparativo agora”. Os principais produtos exportados pelo Rio Grande do Sul no terceiro trimestre foram soja em grão (31,3%), fumo em folhas (9,9%), farelo de soja (6,4%), carne de frango (5,6%) e polímeros plásticos (5%). China (31,2%), Estados Unidos (7,1%), Argentina (7,1%), Bélgica (3,9%) e Irã (3,6%) foram os principais destinos dos produtos gaúchos no terceiro trimestre.

População brasileira está envelhecendo O número de pessoas com mais de 80 anos de idade pode chegar a 19 milhões em 2060. O dado foi divulgado esta semana pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). A projeção atual de idosos no Brasil é de 3.458.279, sendo que era de 684.789 pessoas em 1980. Ainda de acordo com o IBGE, os resultados demonstram o processo de envelhecimento da população, que

é evidenciado pelo estreitamento da base da pirâmide demográfica. Esse estreitamento decorre, principalmente, da expressiva queda na taxa de fecundidade. Na década de 1980, a expectativa de vida era de 62,58 anos para ambos os sexos. Em 1991, a esperança de vida elevou-se para 66,94 e chegou a 69,83 anos em 2000, de acordo com Projeção de População (2013).

Votação do Supremo sobre desaposentação decepciona aposentados A votação do Supremo Tribunal Federal que decidiu pela ilegalidade da desaposentação repercutiu negativamente entre as catergorias dos aposentados. O presidente da Associação dos Aposentados de Ijuí Leoveral de Oliveira confirma este cenário e aponta que a decisão causa revolta aos aposentados. "Estávamos com toda a atenção volta para o STF. Eu já tinha um receio de que ela não fosse aprovada, então aqueles cidadãos que estão trabalhando e continuam pagando seu INSS estavam nessa expectativa", disse. Leoveral ressalta que a proposta que a Confederação dos Aposentados tinha, na verdade, apresentado outra proposta, a de que a cada cinco anos se formalizasse um novo cálculo para melhorar a aposentadoria. "Mas infelizmente mais uma vez o povo brasileiro, trabalhador e aposentado está pagando a conta". Outro apontamento é que os membros do Supremo consideraram que essa medida seria ilegal, ou seja, não consta na lei. "Então

a nossa pergunta é a seguinte: e esses 400 mil trabalhadores que continuam trabalhando após a aposentadoria no Brasil continuam pagando INSS sem direito algum, esse pagamento, essa retenção do valor será que não é inconstitucional também? Ou é só para o lado do trabalhador, do aposentado que a lei menos favorece?", questiona o aposentado destacando que essa é a principal preocupação e o motivo de revolta na classe. Sobre a atual legislação da Previdência Social, ele acredita que muitas coisas têm que ser revistas. "O que nós não admitimos é que num país que tramita a roubalheira desenfreada pelas altas autoridades, o trabalhador e o aposentado que sempre pagam a conta. Respeitamos a decisão do Supremo Tribunal, mas isso causou uma revolta para os trabalhadores que continuam contribuindo com a Previdência Social sem ter direito algum nas suas reivindicações". Quanto ao rombo nos cofres

Associação dos Aposentados de Ijuí debateu sobre a votação do ICMS e critica perdas à classe

da Previdência Social, Leoveral é categórico ao afirmar que "a Previdência Social é para o trabalhador. Na hora que o governo parar de meter a mão no dinheiro do trabalhador e do aposentado, a previdência não vai ser deficitária e se o governo tiver o peito e a raça de colocar a fiscalização na rua para apurar o que as grandes empresas e os times de futebol estão devendo para a Previdência não ia existir rombo algum e poderia ser pago esse direito dos aposentados".

Após a negativa, a expectativa agora é com a reforma da Previdência. "A Confederação dos aposentados apresentou uma proposta no Congresso Nacional para uma previdência pública, justa e solidária. Não estamos aceitando também essas propostas que vêm de cima para baixo para esmagar o trabalhador e o aposentado". O Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu ontem "deixar em aberto" dúvidas que surgiram após a decisão que considerou ilegal a concessão da desaposentação – a

possibilidade de o aposentado pedir a revisão do benefício por ter voltado a trabalhar e a contribuir para a Previdência Social. De acordo com a Corte, questionamentos sobre a devolução para a Previdência Social de valores que foram pagos a pessoas que conseguiram se desaposentar por meio de decisões liminares da Justiça ou sobre redução dos valores que são recebidos atualmente, serão decididos a partir de ações que chegarem à Corte posteriormente.

cmyk


Notícias

Jornal da Manhã

Sexta-feira, 28 de outubro de 2016

4

CAPS COLMEIA 2

Pacientes se expressam por meio das cores Uma exposição marcou o encerramento do projeto Arco Íris, desenvolvido no Centro de Atenção Psicossocial (Caps) Colmeia 2 desde 2014, por meio de recursos do Ministério da Saúde. Coordenado pela artista plástica Lenir Wisk, é realizado com 15 pacientes do serviço. O projeto passou a integrar a Arteterapia, que une arte e psicologia, realizada pelo Centro desde 2010. Lenir ressalta a importância do projeto para os pacientes, por meio do qual reduzem o uso de medicamentos, e conta que eles sentem falta quando o projeto é encerrado. “Contribui na melhora, no protagonismo e na reabilitação psicossocial. Às vezes, os pacientes dizem que até diminuem a medicação em função de poder expressar seus sentimentos, suas emoções, através das cores”, explica. “Quando não tem o projeto eles sentem a falta, trazem as falas para os profissionais, sentem a falta desta

atividade porque é uma proposta não medicamentosa que auxilia bastante, alivia a tristeza e o sofrimento psíquico. Realmente a gente tem sempre a interrupção do trabalho, o que é lamentável, deveria ser um trabalho contínuo.” Para o coordenador do Caps 2, Cristiano Rasia, o projeto agrega ao serviços que compõem a rede de saúde mental, porque o paciente, além de receber acompanhamento multiprofissional, tem opção da Arteterapia. “Estamos encerrando o projeto, que tem um contrato com prazo para terminar, e fazendo este evento para mostrar as belezas. O Caps segue seu planejamento, com a expectativa da nova sede que tem previsão de ocorrer em junho de 2017.” A paciente Valdete Soares disse, emocionada, que no último dia do projeto, quando recebeu a notícia que haveria o encerramento nem conseguiu pintar. Já o Jeferson, pintou Jesus Cristo. “Em primeiro lugar porque ele é luz em nosso caminho, abre todas

Grupo recebe orientações para a qualidade de vida A Organização Mundial da Saúde (OMS) adotou o termo Envelhecimento Ativo para definir a busca expressar o processo de conquista de uma experiência positiva no envelhecimento, por meio do qual uma vida mais longa deve ser acompanhada de oportunidades contínuas de saúde, participação e segurança. Na última quarta-feira, o Grupo Saúde e Qualidade de Vida da Estratégia de Saúde da Família 3 - Glória reuniu-se para debater assuntos relacionados à saúde. Na oportunidade, a equipe realizou teste de glicemia capilar, verificação de pressão arterial, peso e estatura dos participantes. Na reunião, também estava

presente o Grupo de Pesquisa do Envelhecimento Feminino da Unijuí que realizou orientações sobre o uso correto de medicamentos, avaliação do estilo de vida e informações sobre a prevenção e tratamento da incontinência urinária. O envelhecimento ativo aplica-se tanto a indivíduos quanto a grupos populacionais. Permite que as pessoas percebam o seu potencial para o bem-estar físico, social e mental ao longo do curso da vida, e que essas pessoas participem da sociedade de acordo com suas necessidades, desejos e capacidades, ao mesmo tempo, propicia proteção, segurança e cuidados adequados, quando necessários.

A nutricionista do ESF do Glória, Muriel Burkatt, orienta as integrantes do Grupo

cmyk

as portas e nos guia no dia a dia. Foi o primeiro trabalho que eu fiz no Caps, em 2010, e acredito que foi a porta, o princípio de tudo, e precisamos continuar com esse trabalho porque muitas pessoas precisam disso”, argumenta o usuário. “É de suma importância porque todos têm uma participação especial com seus sentimentos nos quadros, enfim todas as emoções são compartilhadas, para cada um tem uma importância diferenciada”. Tereza Machado participa desde o início e para ela a experiência é gratificante. “A cabeça da gente melhora muito e não podemos ficar sem esse projeto, porque nos dias da pintura, para mim, parece que eu viajo, sabe, porque parece que a gente está lá dentro daquele quadro enquanto estamos pintando, e quando não tem, sinto muita falta”, resume. Pacientes com depressão, ansiedade e outros transtornos mais graves como a esquizofrenia, têm significativa melhora por meio da

Encerramento do projeto Arco Íris do Caps Colmeia 2 ocorreu na manhã de ontem

Arteterapia. “Vemos a melhora na parte de socialização, que eles veem que podem fazer outras coisas, por isso a importância de continuar com esse trabalho, e tomara que na próxima gestão a gente tenha o apoio da prefeitura para continuarmos com o trabalho”, acrescenta o psiquiatra do Caps 2, Bruno Guidolin. “Por

vários motivos, a depressão será a doença que mais terá mortes indiretas no mundo, a questão da correria, das cobranças, as pessoas não estão suportando muito bem esse tipo de vida, há um maior índice de depressão, e as pessoas estão procurando mais ajuda, o que também incide no aumento.”

Estado não doará vacinas da aftosa Inicia-se na próxima terçafeira a segunda etapa da campanha de combate à febre aftosa, para aplicação da dose reforço em animais jovens, com até 24 meses. Esta etapa da campanha, que vai até o dia 30 de novembro, tem como diferencial o fim das doses gratuitas repassadas pela Secretaria de Agricultura. Concedidas a pecuaristas com no máximo cem animais até 2015, e reduzidas para 10 bovinos neste ano, as doses gratuitas de vacinas contra febre aftosa não serão mais distribuídas no Rio Grande do Sul. A decisão já era esperada após a redução gradativa do benefício, e deverá ser permanente a partir de agora. “Os produtores devem ficar de sobreaviso porque terão que comprar a vacina”, alerta o coordenador regional de Agricultura, Emílio Stumm. “Para isso, a Coordenadoria estimula a compra em conjunto para evitar perdas de vacina, muitas vezes, o produtor tem três ou quatro animais e precisa comprar um frasco com dez doses. Na mesma nota pode somar até 10 ou 50 doses, para facilitar ou economizar”. Ele salienta que as doses remanescentes com vencimento em novembro serão aplicadas nos rebanhos nas áreas indígenas e quilombolas, únicos que receberão as doses gratuitas. Stumm conta que não foi realizada reunião na Secretaria com os coordenadores para repassar a

decisão, mas acredita que ela será permanente. “Pelos e-mails que estamos recebendo, no momento para a doação, explica-se pela condição financeira do Estado, vale para a próxima campanha também, é uma quantia alta que o Estado sempre facilita para os produtores”, salienta. Cada dose custa em média R$ 1,80. Além disso, para o coordenador, a decisão permitirá aos técnicos realizarem a atividade de fiscalização das aplicações a campo. “Terão mais liberdade de visitar o produtor, orientando, na parte sanitária é mais importante do que ficar atrás de um balcão entregando doses”. Na área de abrangência da Coordenadoria Regional de Agricultura de Ijuí, composta por 29 municípios, 118 mil bovinos devem ser vacinados e o proprietário deve estar atento ao tempo de carência para emissão da Guia de Transporte Animal (GTA). “Como são animais jovens, há o período de carência que precisa ser observado pelo produtor. O animal que está recebendo a primeira dose nesta campanha é liberado após 14 dias para emissão da guia, e para o que já recebeu, são sete dias”, afirma. Para o presidente da Comissão de Sanidade Agropecuária do Conselho Regional de Medicina Veterinária (CRMV-RS), Ricardo Bohrer a medida atende às necessidades de redução de gastos por parte do Estado, mas

Emílio Stumm

pondera que a doação de doses para quem tem até dez animais é importante . "Dentro de um plano de erradicação da febre aftosa, uma política de doação de doses, especialmente para quem tem até 10 animais como foi em maio, pode ser importante, para garantir uma melhor cobertura. Entretanto, reconhecemos a situação econômica do Estado e esperamos que todos os produtores estejam conscientes da sua participação neste importante processo de manutenção da sanidade do rebanho gaúcho", disse. "Doação acima de 10 doses não faz sentido, até porque, como tínhamos antes, com doses gratuitas para produtores com até 50 animais, era um gasto absurdo e desnecessário para o governo."


Notícias

Jornal da Manhã

Sexta-feira, 28 de outubro de 2016

5

PESQUISA DA CNT

Pioram as condições das rodovias do RS A Confederação Nacional do Transporte (CNT) divulgou uma pesquisa que indica uma piora nas condições das rodovias gaúchas no último ano. Para a Polícia Rodoviária Estadual, a precariedade das estradas aumenta ainda mais o trabalho já dificultado pelos impecilhos naturais como falta de efetivo e caos estrutural. Ainda ontem, a reportagem do Grupo JM esteve em contato com o comando da Polícia Rodoviária Estadual na região e ouviu, em mais de um caso, a indignação com que as rodovias estaduais são tratadas. Juntamente com os problemas clássicos da corporação, o quadro das rodovias traz problemas também para o policiamento. "São incontáveis os casos em que as viaturas saem para atender ocorrências e acabam se envolvendo em pequenos acidentes ocasionados pelas condições das rodovias", alarmou um PM de Santa Rosa, que pediu para não se identificar. Segundo a CNT, a situação

das rodovias piorou bastante em 2016 na comparação com o ano passado. O levantamento aponta que 37% dos trechos pesquisados no Estado estão ruins ou péssimos. No ano passado, esse índice era de 24,4%. No total, foram avaliados 8,6 mil quilômetros de estradas federais e estaduais no Rio Grande do Sul. Na região, tradicionalmente as ERSs 522 e 342 são as que causam maior dor de cabeça aos usuários. A reportagem esteve acompanhando o andamento dos trabalhos e constatou que a ERS-522, que liga o município a Augusto Pestana, apresenta condições medianas. Já no trecho da 342 que vai até Catuípe, a reportagem flagrou uma equipe da Superintendência Cruz Alta do Departamento Autônomo de Estradas e Rodagens (Daer) realizando um serviço de tapaburacos. Há cerca de dois meses, a Justiça condenou o mesmo Daer e o governo do Estado a uma restauração completa do trecho,

Equipe do Daer Cruz Alta realiza mais um trabalho paliativo de tapa-buracos na ERS-342, que liga Ijuí a Catuípe

em virtude dos eternos problemas enfrentados pelos moradores da região. O TJ entendeu como procedente a Ação Civil Pública ajuizada pelo Ministério Público de Catuípe.

O levantamento da CNT também mostra que os trechos de rodovias no Rio Grande do Sul classificados como regulares, bons e ótimos, caíram de 75% para 62%. São avaliados pela pes-

quisa a geometria das estradas, o pavimento e a sinalização. A qualidade dos trechos considerados bons também diminuiu. Era de 23% em 2015 e agora está em 12%.

cmyk


Jornal da Manhã

OPINIÃO

Sexta-feira, 28 de outubro de 2016

PEDIDO DE SOCORRO

A

proposta da desaposentação era tão polêmica que a votação do Supremo Tribunal Federal pegou de surpresa todos que esperavam pelo adiamento do debate. Mais do que a surpresa, a votação causou fortes emoções. Por um lado, indignação à classe dos aposentados que acabou tendo uma previsão de ganho de causa cerceada pela decisão. O que aconteceu é que o Supremo ouviu o pedido de socorro do governo federal e livrou a Previdencia de arcar com essa conta bilionária. O tão falado rombo na Previdência já tem sido o grande vilão de todas as contas públicas.

Já por parte do governo, o anúncio da ilegalidade da desaposentação causou alívio a um setor que sofre com um rombo bilionário. A decisão poupa aos cofres do governo federal o impacto de quase

R$ 8 bilhões ao ano. E a medida tem dois lados, já que não permite o recálculo para dar vantagem ao aposentado que continua trabalhando depois da aposentadoria, mas continua autorizada a cobrança do INSS por esse trabalhador. Dinheiro que vai direto para o fundo único. Claro que a decisão revoltou os aposentados, principalmente os mais de 180 mil que já haviam ingressado na Justiça a fim

de ter uma nova aposentadoria. São pessoas que trabalharam até 15 anos a mais de contribuição e que não recebem benefício algum diante desses valores. O que aconteceu é que o Supremo ouviu o pedido de socorro do governo federal e livrou a Previdência de arcar com essa conta bilionária. O tão falado rombo na Previdência já tem sido o grande vilão de todas as contas públicas. Acumulando déficit e com a previsão de que a cada ano se diminua a proporção entre trabalhadores na ativa e aposentados, dificilmente a balança vai voltar a se equilibrar, o que causa mais expectativa ainda com a reforma da Previdência, pauta polêmica e delicada que tem sido adiada pelo entra e sai dos governos. Claro que com a expectativa de que o número de idosos chegue a 19 milhões de pessoas em 2060, a reforma da Previdência é uma pauta mais urgente do que parece. Por enquanto o governo banca o déficit, mas até quando a situação caótica do INSS não vai repercutir diretamente no rendimento dos aposentados? O certo é que não há dinheiro para pagar a desaposentação e agora o Supremo achou um caminho legal para garantir isso. O governo federal pode entender a decisão como um benefício, mas não há motivo para comemorar. A repercussão apenas dará novo fôlego para que uma nova estratégia seja deliberada às contas públicas da Previdência antes que esse modelo possa sucumbir.

PONTO DE VISTA

Claiton Marmitt Major e comandante do 12º Comando Regional dos Bombeiros fala sobre mudanças na Lei Kiss e separação do Corpo de Bombeiros da Brigada Militar

Como irá acontecer a separação do Corpo de Bombeiros da Brigada Militar? Estamos aguardando a publicação das duas leis restantes para de fato termos a nossa emancipação administrativa. O que está acontecendo e necessita de uma regulamentação urgente é a Lei de Prevenção de

Jornal da Manhã GRÁFICA E EDITORAJORNALÍSTICA SENTINELA LTDA. CNPJ: 87.657.854/0001-23

Fundado em 1º de Maio de 1973

Incêndios, que houve essa polêmica a respeito do não regimento e não protocolado novos planos de prevenção, mas isso não tem nenhuma ligação à disvinculação do Corpo de Bombeiros e sim porque houve uma alteração na Lei Kiss e o prazo que entra em vigor é nessa semana. Para que essa lei seja de fato aplicável, há a necessidade da emissão de um decreto por parte do governo do Estado, regulamentando essa lei. Sobre o efetivo do Corpo de Bombeiros, como se encontra a atual situação? Tivemos o aval do governo do Estado na chamada de 260 novos alunos soldados para reposição do efetivo que está gradativamente saindo para reserva. Dentro do nosso Comando dos Bombeiros, nós receberemos uma turma de 30 soldados que foram formados na área do nosso Batalhão. Hoje a nossa carência principal é em efetivo. Somente seis comandos no interior estão recebendo soldados formados e hoje estamos com uma defasagem próxima de 50%, isso significa que cada bombeiro está trabalhando por dois, mas de forma nenhuma estamos deixando de atender a nossa comunidade, bem pelo contrário, estamos motivados e atendendo sem deixar nenhuma ocorrência para trás.

Diretor: Edmundo H. Pochmann Editora: Jocelaine Simão redacao@jornaldamanhaijui.com

Rua Albino Brendler, 122 Centro - 98700-000 IJUÍ/RS Cx. Postal 518 - (55)3331-0300

cmyk

Jornal da Manhã: (55) 3331-0300 atendimento@jornaldamanhaijui.com Rádio JM: (55) 3331-0301 radio@jornaldamanhaijui.com

6

ARTIGO

PEC 241 e o 'Oscar de Efeitos Especiais' Ricardo Bergamini Analista financeiro Em 2002, o Brasil tinha um PIB de R$ 1,488 trilhão; um PIB, em 2010, de R$ 3,885 trilhões; em 2015, um PIB de R$ 5.904,3 bilhões. No refinanciamento da dívida pública interna, sem movimentação financeira, mas apenas contábil, tivemos: 2002, com R$ 235,8 bilhões; 2010, R$ 373,4 bilhões; 2015, R$ 571,9 bilhões. A gravidade do problema brasileiro está no rombo das contas públicas presente, assim sendo, depende de decisões emergenciais de curto prazo, e não de planos para o futuro. Como dizia Keynes: "No longo prazo, estaremos todos mortos". Num incêndio temos que arrebentar todas as portas para debelá-lo, e não se preocupar com os planos de sua reconstrução, isso vem após debelar o incêndio. Nas despesas correntes do Brasil, o gasto com pessoal, os 13,2 milhões de brasileiros (ativos, inativos, civis e militares) que representam apenas 6,39% da população brasileira, sendo 2,2 milhões federais, 4,5 milhões estaduais e 6,5 milhões de municipais gastaram em 2015 o correspondente a 14,98% do PIB. Esse percentual representou 46,18% da carga tributária que foi de 32,44% do PIB em 2015. Em função dos direitos adquiridos e da estabilidade de empregos, nada poderá ser feito no curto prazo para apagar o incêndio, assim sendo, não serão atingidos pela PEC 241. De 2011 até 2015, o Brasil pagou juros correspondentes a 5,32% ao ano acima da inflação para carregar a sua dívida, com isso podemos afirmar que os juros não serão atingidos pela PEC 241. O governo federal depende do apoio dos governadores e prefeitos para governar, assim sendo, não vejo grande campo de manobra do governo em fazer restrições a essa rubrica do orçamento. Por isso, nenhuma mudança, por melhor que seja, irá influenciar no combate ao incêndio presente. Faria parte apenas do plano de reconstrução, com isso a PEC 241 não terá nenhum efeito sobre o assunto. O maior campo de manobra do governo seria nos insignificantes investimentos e inversões financeiras. Conclusão é que a PEC 241 nada mais é do que um grande espetáculo para concorrer ao prêmio de "Oscar de efeitos especiais". Os dados citados são do Ministério da Fazenda.

Artigos assinados são responsabilidade de seus autores. Para publicação, os artigos devem ser enviados com identificação do autor (nome completo, documento, endereço e fone) em fonte times, corpo 10, entrelinha 11, com até 30 linhas, para o e-mail redacao@jornaldamanhaijui.com

Representantes Comerciais: Grupo de Diários

Impressão em Off-Set Rotativa Cia de Arte CNPJ 92.107.978/0001-75 Rua Albino Brendler, 146 - IJUÍ/RS (55) 3331-0318 | 3331-0320 (após às 18h)

www.jmijui.com.br

ciadearte@jornaldamanhaijui.com

ASSINATuRAS E CIRCuLAÇÃO: (55) 3331-0315 | 3331-0316 3331-0317 Semestral: R$ 200,00 Anual: R$ 400,00 Correio: R$ 400,00 (semestral); R$ 800,00 (anual)


Notícias

Jornal da Manhã

Sexta-feira, 28 de outubro de 2016

ENSINO SUPERIOR

Reitoria é eleita com meta de fortalecer ensino Ontem, os 9.375 eleitores da Unijuí e comunidade acadêmica tiveram a oportunidade de escolher quem estará a frente da Universidade pelos próximos três anos. A chapa única: Consolidar e Avançar, formada por Cátia Maria Nehring, como reitora, Cristina Eliza Pozzobon, como vice-reitora de graduação, Fernando Jaime González, como vice-reitor de pós-graduação, pesquisa e extensão, e Dieter Rugard Siedemberg, como vicereitor de administração, foi eleita com 94,35 pontos. A votação foi toda feita de maneira online, no portal da Unijuí. Com a proposta de "fortalecer o pertencimento, desenvolver as capacidades, e valorizar as iniciativas", seu slogan de campanha, Cátia assumirá a Reitoria da Universidade no dia 13 de dezembro. Para a reitora eleita, a participação dos docentes, técnicoadministrativos e de apoio, acadêmicos e comunidade externa no processo eleitoral reafirma o compromisso da comunidade de participar da universidade comunitária que é a Unijuí. "Agradeço primeiramente aos eleitores. Passamos mais de dois meses conversando com todos os segmentos, que se implicaram

Votação ocorreu durante todo o dia de ontem nos quatro campi

neste processo. Isso é o reflexo do perfil e do entendimento de uma Universidade Comunitária", salientou a nova reitora. Para os próximos anos, Cátia destaca como desafios a manutenção da sustentabilidade, "nesse sentido estamos trabalhando arduamente". Outro tema são os investimentos, "no sentido de qualificação dos nossos espaços, já que temos quatro campi", e ainda a identificação de novos cursos de graduação e mestrado, "agora trabalhando na busca de

aprovação de um novo mestrado na área das agrárias", destaca ela. Aprofundamento da pesquisa também deve ser uma das prioridades da nova gestão da Unijuí, "em um processo de impacto social, de financiamento, busca de pesquisadores, qualificação de espaços de laboratórios, são grandes desafios a partir das áreas que atuamos", salientou reitora eleita como metas para a nova gestão que terminará no ano de 2019.

Escolas terão ampliação de carga horária Em Porto Alegre desde o início da semana, o titular da 36ª Coordenadoria Regional de Educação (CRE), Cláudio de Souza tem participado de debates sobre a organização do ano letivo de 2017, melhorias na estrutura física das escolas da rede, que devem ser feitas no recesso escolar, matrículas, além da pauta principal, que é a reestruturação do Ensino Médio. De acordo com o coordenador, a elaboração do currículo do Ensino Médio é um desafio muito grande. “Estamos finalizando algo muito importante para o Estado, que é a reestruturação curricular que, desde o governo Yeda não ocorria, desde os conteúdo, habilidades e nas competências que são trabalhadas no Ensino Fundamental e Médio”, explica. Segundo o coordenador, o trabalho está sendo finalizado, e a documentação preliminar já deve ser encaminhada às esco-

las, para que assim possam ter conhecimento das mudanças propostas. “Esperamos que até o dia 30 de novembro tenhamos um documento oficial da reestruturação do currículo do 1º ano do Ensino Fundamental até o 3º do Médio”. Já para 2017, Cláudio afirma que devem ocorrer mudanças. “Já fizemos algumas mudanças na matriz curricular dos nossos alunos para o próximo ano, com a ampliação de carga horária em dois componentes curriculares: Português e Matemática”. As demais alterações devem começar apenas em 2018. “As escolas terão autonomia, dentro das mil horas e 30 períodos, fazer a construção e ajuste da carga horária de cada componente curricular”. Como ele explica, o currículo é abrangente e contempla as cinco áreas do conhecimento (Ciências da Natureza, Humanas, Linguagens, Matemática e Ensino Religioso). “Deixando

7

Alunos têm até segunda para renovar Fies O Ministério da Educação validou, até o momento mais de 710 mil contratos do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies). O registro abrange estudantes de todo o País que confirmaram o pedido de aditamento (renovação). Segundo o ministro Mendonça Filho, o processo tem seguido sem problemas. “Já no primeiro dia de renovação, ultrapassamos a casa dos 10% do total dos alunos que têm contratos do Fies”, ressaltou. O prazo para a realização dos aditamentos vai até a segunda-feira. Apenas na Unijuí, são mais de 2,5 mil estudantes que devem fazer o aditamento. Segundo o responsável pelo setor de financiamento da Universidade, Sandro Bueno,até agora, 80% dos acadêmicos (2 mil) já realizaram a renovação dos contratos. Os contratos do Fies devem ser renovados a cada semestre. O pedido de aditamento é feito inicialmente pelas instituições de Educação Superior. Em seguida, os estudantes devem validar as informações inseridas pelas instituições no Sistema Informatizado do Fies (SisFies). Neste semestre, porém, o go-

verno federal atrasou a renovação desses contratos e, com isso, as universidades ficaram pelo menos quatro meses sem receber os incentivos dos alunos beneficiados. Na Unijuí, segundo o gerente financeiro, Roberto Biron, o atraso causou a falta de cerca de R$ 10 milhões. No caso de aditamento não simplificado, quando há alteração nas cláusulas do contrato, como mudança de fiador, por exemplo, o estudante precisa ainda levar a documentação comprobatória ao agente financeiro para finalizar a renovação. Nos aditamentos simplificados, a renovação é formalizada a partir da validação do estudante no sistema on-line. Cerca de 1,5 milhão de contratos devem ser aditados neste segundo semestre, em um investimento da ordem de R$ 8,6 bilhões, já garantidos no orçamento do Ministério da Educação. Para 2017, o governo federal já enviou ao Congresso Nacional projeto de lei orçamentária que contempla recursos de R$ 21 bilhões para o Fies, o que garantirá a continuidade dos financiamentos e a manutenção dos contratos com os agentes financeiros do fundo.

Alunos da EFA constroem pilha com frutas Após estudos práticos e teóricos da disciplina de Química em eletroquímica, os alunos do 2º ano do Ensino Médio do Centro de Educação Básica Francisco de Assis (EFA), foram desafiados a construir pilhas utilizando frutas. Segundo o professor responsável pela atividade, Jader da Silveira, em uma pilha, o que ocorre é um processo químico espontâneo no qual é possível obter energia elétrica. "Os elétrons, que apresentam carga elétrica negativa, migram do eletrodo negativo, denominado ânodo, que é o metal com maior tendência

de doar elétrons; para o positivo, que recebe o nome de cátodo (metal com maior tendência de receber elétrons). Desse modo é gerada uma corrente elétrica que faz uma lâmpada de led, ou até um equipamento funcionar. A fruta utilizada foi o limão, que é ácido e apresenta íons H+, fazendo assim, o papel da solução eletrolítica que é o meio aquoso onde existem cargas elétricas que vão contribuir para a existência do fluxo de elétrons". Para validar e comprovar a funcionalidade do experimento foram ligadas lâmpadas de led junto às pilhas de frutas.

Cláudio de Souza

bem claro aquilo que precisa ser trabalhado em cada ano para que os alunos possam avançar aos anos seguintes. Isso vai qualificar muito o processo de ensino e aprendizagem das nossas escolas”, completa.

Desafio foi proposto em aula de eletroquímica

cmyk


Notícias

Jornal da Manhã

Sexta-feira, 28 de outubro de 2016

RETALIAÇÃO

Renan anuncia pacote de reação contra a PF O presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), anunciou um pacote de ações jurídicas em resposta à ação da Polícia Federal, que prendeu quatro policiais legislativos do Senado na última sexta-feira. Além disso, Renan também quer priorizar uma Proposta de Emenda Constitucional (PEC) que corta benefícios para membros do Ministério Público e juízes. Na Justiça, serão três ações. De acordo com Renan, o Senado ingressou nesta quarta-feira com uma arguição de descumprimento de preceito fundamental (ADPF) relativa à ação da Polícia Federal. Ontem, o órgão protocolou também uma reclamação. O peemedebista orientou ainda que a Advocacia do Senado entre com uma representação no Conselho Nacional de Justiça (CNJ) contra o juiz Vallisney de Souza Oliveira, que autorizou a ação da Polícia Federal. "Não se defende a inviolabilidade absoluta do Congresso Nacional, mas que as ações de investigação sejam realizadas com equilíbrio. Não podemos reviver os sobressaltos típicos da ditadura militar", afirmou. De acordo com Renan, pedir que o STF se posicione sobre os limites entre os poderes é a melhor forma de evitar que "os excessos se perpetuem". Ele também acredita que a representação contra o juiz vai permitir que o magistrado explique suas decisões.

Presidente do Senado não gostou da ação da Polícia Federal no Senado

Fora isso, o presidente do Senado também recomendou que os diretores da Polícia Legislativa ingressem no STF com pedido de habeas corpus preventivo. "É uma precaução para que novas prisões arbitrárias não aconteçam", alegou. Dando sequência a sua escalada contra o Judiciário e o Ministério Público, Renan recomendou que a Câmara priorize a PEC 89/2003, que põe fim à aposentadoria compulsória para juízes e promotores que cometerem crimes e forem condenados judicialmente, a chamada "aposentadoria-prêmio". O texto foi aprovado no Senado em 2013, mas se encontra

adormecido na Câmara. "Acho que mais do que as Medidas Contra a Corrupção, temos que priorizar essa PEC, que dizima a aposentadoria como um prêmio", disse Renan. Ele quer que a votação aconteça ainda neste ano. Apesar das ações, Renan cumprimentou o Judiciário e afirmou que há muita expectativa quanto à presidência da ministra Cármen Lúcia. Ele confirmou que irá comparecer ao evento de lançamento do Pacto Nacional pela Segurança Pública, previsto para esta sexta-feira, em que Temer organiza um encontro de pazes entre Renan, Cármen e o ministro da Justiça, Alexandre de Moraes.

8

Temer terá reunião com Renan e Carmen Lúcia O presidente Michel Temer confirmou que vai se reunir na próxima sexta-feira com os presidentes do Senado, Renan Calheiros, da Câmara, Rodrigo Maia, e do Supremo Tribunal Federal (STF), Cármen Lúcia, para discutir segurança pública. O encontro poderia não ocorrer após o clima de mal-estar entre Renan e Cármen Lúcia criado depois que ambos fizeram críticas públicas e discordaram sobre a atuação da Justiça ao determinar a prisão de policiais legislativos durante operação da Polícia Federal no Senado. De acordo com o porta-voz da Presidência, Alexandre Parola, Temer informou que o diálogo entre ele e os presidentes dos outros dois Poderes é “permanente, fluido e desimpedido”. “O presidente confirma a realização da reunião prevista para a próxima sexta-feira às 10h”, disse Parola. Na quarta-feira, o presidente do Senado chegou a anunciar que Temer se encontraria com os três nesta quarta-feira, mas a presidente do STF alegou “agenda cheia”

e a reunião não ocorreu. “Uma eventual reunião, em momento que seja compatível com agendas de todos os envolvidos, virá a ser apenas mais uma demonstração completa de diálogo”, afirmou Parola, antes de confirmar o encontro da próxima sexta-feira. Ao dar as declarações, o porta-voz respondeu a pergunta da imprensa sobre a possibilidade de Temer demitir o ministro da Justiça, Alexandre de Moraes, que foi criticado por Renan após a operação da Polícia Federal, já que esta é subordinada ao Ministério da Justiça. “Há, em seguida, uma pergunta que busca saber se o presidente cogita substituir o ministro da Justiça. A resposta é não”, limitou-se a dizer Parola. A crise entre os Poderes começou na sexta-feira, quando houve a Operação Métis, que resultou na prisão do chefe da polícia do Senado, Pedro Ricardo Carvalho, junto com mais três policiais legislativos, suspeitos de prestar serviço de contrainteligência para ajudar senadores investigados na Lava Jato e em outras operações.

Minc quer mudanças na Lei Rouanet Até o próximo ano, o uso de recursos à Lei Rouanet poderá ser feito através de uma única conta e com o uso de um cartão. A informação foi dada pelo ministro da Cultura, Marcelo Calero, durante depoimento à Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Câmara dos Deputados que apura irregularidades na concessão de benefícios e incentivos culturais. Calero disse que sua pasta já está negociando com o Banco do Brasil uma mudança no processo. Segundo ele, a dinâmica vai ajudar na rastreabilidade da movimentação financeira e acelerar o trabalho de prestação de contas. “A grande vantagem é que não apenas o Ministério da Cultura (MinC), mas toda a sociedade terá acesso aos gastos, que serão disponibilizados em tempo real”, destacou o ministro, ao explicar que cada movimentação da conta será disponibilizada imediata-

cmyk

mente no Portal da Transparência e no sistema do ministério. Calero afirmou que a Lei Rouanet existe para apoiar projetos culturais e que nem a lei nem artistas devem ser “demonizados” em função de possíveis irregularidades cometidas por alguns. “É sempre necessário o aprimoramento e fiscalização, bandidos têm que ser investigados e punidos. O fato é que a Lei Rouanet apoia hoje mais de três mil projetos culturais”, destacou. O ministro apresentou números, mostrando que, desde que assumiu a pasta, em maio deste ano, uma série de medidas está sendo adotada para zerar o estoque de projetos que estavam parados por falta de assinaturas ou aguardando análise das contas. Ele afirmou que a lei Rouanet é criteriosa e transparente e, questionado sobre as falhas de fiscalização, afirmou que a pasta precisa investir mais

Representantes dos três poderes conversarão para resolver crise

Juízes entram com ação no Conselho de Ética

Marcelo Calero

no aprimoramento de gestão. “Acho que a grande questão da Lei Rouanet hoje é em relação à gestão, especialmente da análise de prestação de contas”, explicou o ministro.

Um grupo de cinco juízes entregou ontem uma representação contra o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB), à Secretaria Geral da Mesa da Casa. Os magistrados querem que a conduta de Calheiros em relação ao juiz federal Vallisney de Souza seja avaliada pelo Conselho de Ética e Decoro Parlamentar e sejam adotadas as “sanções cabíveis”. A representação foi motivada pelo fato do presidente do Senado ter chamado Souza de “juizeco” em entrevista coletiva após a Operação Métis. A operação resultou no cumprimento de mandados de busca e apreensão nas dependên-

cias do Senado, com autorização de Vallisney de Souza. "Nós entendemos que a palavra por si só não toma essa dimensão. Toma de onde vem, como vem, e no momento em que veio. A gente entende que a providência que deve ser adotada no caso de uma decisão de um juiz é a via recursal. Os poderes Judiciário, Executivo e Legislativo são independentes e harmônicos entre si. Esses são os pilares da nossa democracia. Então, não nos parece razoável que se utilize de adjetivação e de palavras que minorem o magistrado e a magistratura”, explicou o juiz Luiz Rocha.


Notícias

Jornal da Manhã

Sexta-feira, 28 de outubro de 2016

COMPRA DE VOTOS

MP barra diplomação de vereadores investigados O Ministério Público Eleitoral de Ijuí desencadeou nesta semana a segunda fase da Operação “Caixa de Pandora”, que investiga esquema de compra de votos nas eleições municipais deste ano. Na manhã de ontem, a promotora Roselia Brusamarelo, que está à frente das investigações, concedeu coletiva de imprensa para dar mais detalhes sobre a operação. Segundo ela, ainda não é possível afirmar quantos e quais vereadores estão envolvidos no esquema de corrupção, já que o material coletado durante o cumprimento dos mandados de busca ainda será analisado. Após este período de análise e organização de provas, o próximo passo será o ajuizamento de ações na Justiça Eleitoral, que julgará o processo em primeira instância, podendo condenar ou não os vereadores envolvidos. Apesar de não estabelecer um prazo para que as ações sejam ajuizadas, Roselia Brusamarelo garantiu que o material resultante da investigação está sendo analisado desde antes da eleição, e que a intenção é iniciar a tramitação do processo judicial "o quanto antes". "A operação Caixa de Pandora iniciou até mesmo antes do pleito, os mandados é que foram cumpridos após a eleição, mesmo que provas estivessem sendo colhidas há bas-

Buscas foram realizadas em supermercados e postos de combustíveis de Ijuí

tante tempo. Desde então nós viemos analisando este material, e isso tem funcionado na estratégia de agilizar o processo, tudo para culminar no ajuizamento ou não de possíveis ações crime ou cíveis contra os investigados na operação", disse Roselia Brusamarelo. A promotora também não foi clara quanto uma possível citação de membros do poder Executivo nas investigações, citando que a análise de provas dirá se houve, ou não, utilização da estrutura da prefeitura para beneficiamento eleitoral a candidatos.

Feltes não sabe quanto pagará a servidores A três dias da data de pagamento dos salários do funcionalismo gaúcho, o secretário da Fazenda do Estado, Giovani Feltes, diz que ainda não é possível prever os valores que serão depositados aos servidores. Feltes afirmou que este é o mês de maior imprevisibilidade sobre o pagamento de salários desde o início da gestão Sartori, que já confirmou que os vencimentos serão parcelados mais uma vez. Entre as incertezas, está o montante do Fundo de Participação dos Estados (FPE) que será repassado pela União ao Rio Grande do Sul somente na segunda-feira, data limite para o pagamento. “Temos expectativa de receber o FPE, e só na segunda-feira vamos saber o volume de recursos e depósitos judiciais, pois tivemos um bloqueio de mais de R$ 52 milhões nos últimos dias, o que

frustra nossa capacidade de sacar dinheiro. Há uma imprevisibilidade bem maior que nos meses anteriores”, apontou. O secretário evita fazer previsões sobre os depósitos. Entretanto, nos bastidores, já é dada como certa a tendência de que o pagamento no dia 31 deste mês seja menor que no último dia do mês passado, quando os servidores amanheceram com R$ 810 nas contas. Vai ser o nono mês consecutivo de parcelamento dos salários dos servidores do Executivo. Nesta semana, o Piratini utiliza a arrecadação de aproximadamente R$ 700 milhões em ICMS com contas relacionadas à saúde e o duodécimo dos Poderes (Judiciário, Ministério Público, Assembleia, Tribunal de Contas e Defensoria Pública). O repasse em duodécimo equivale a mais de R$ 300 milhões.

Ao Grupo JM, a promotora adiantou também que pedirá à Justiça Eleitoral a antecipação de tutela sobre o caso. Isso significa que, caso o juiz aceite a antecipação, os efeitos do julgamento de mérito sobre o caso serão adiantados. O objetivo é evitar que o processo se arraste por um longo tempo, dificultando o cumprimento das decisões judiciais. Dessa forma, se pretende impedir que os vereadores acusados por compra de votos sejam diplomados em janeiro, ou seja, que se tornem oficialmente parlamentares para o próximo mandato de quatro anos.

9

Comissão analisa critério para escolha de cargos Passadas as eleições municipais, iniciou-se há duas semanas no poder Executivo o processo de transição de governo, que tem como objetivo fazer com que os novos gestores municipais conheçam a realidade atual da administração pública. Para o processo, foi instituída uma comissão, formada por membros da atual gestão, comandada pelo prefeito Fioravante Ballin, e representantes do futuro governo, que será chefiado pelo prefeito eleito Valdir Heck. Membro da comissão de transição, o viceprefeito eleito Valdir Zardin falou ontem ao Grupo JM sobre o processo de troca de governo. Segundo ele, a transição está sendo tranquila, e o fato de o atual e o novo prefeito serem do mesmo partido tem beneficiado as conversas. Em reunião marcada para hoje, a pauta principal será a escolha dos cargos para a nova administração. "A transição tem sido muito positiva, até pela familiaridade entre as pessoas que estão participando disso. Estamos analisando tudo, colocando na mesa os números que traduzem a atual situação da prefeitura. Na reunião desta sexta-feira vamos estudar como ficará o organograma, ou seja, como ficará o critério para a ocupação de secretarias", explica. Embora já tenha eleito algumas prioridades em termos de resolução de problemas, como a iluminação pública e estradas do interior, Zardin revela que a preocupação inicial será com o planejamento fiscal do município. "O importante é sermos responsá-

Valdir Zardin

veis com o setor de planejamento. Nós temos que saber como está a situação do orçamento, qual a disponibilidade que a gente tem de recursos, ver como está a folha de pagamentos, a verba da saúde e da educação. Depois disso é que vamos analisar o que será possível em termos de investimento", afirma. Por fim, o vice-prefeito abordou a situação do maquinário disponível para a realização de obras no município. "Nós temos ainda que analisar, mas acredito que temos uma situação razoável em termos de maquinário. Acho que a principal será quanto à gestão da garagem municipal, onde vamos tentar eliminar alguns gargalos como deslocamento de material e pessoal, fazendo um melhor aproveitamento de horas de trabalho".

AL gasta R$ 5 mil para intimar Jardel A Assembleia gaúcha terá que publicar em quatro veículos diferentes a intimação para que o deputado estadual Mario Jardel (PSD) deponha no processo de cassação de seu mandato. A ação, que vai custar R$ 4.945, elimina a necessidade de intimar o parlamentar pessoalmente. Na última semana, o Legislativo tentou encontrá-lo pelo menos 18 vezes, incluindo telefonemas e visitas à residência do parlamentar, todas sem sucesso. Por isso, ele faltou na oitiva que estava marcada para a última terça-feira. O texto convocando Jardel para depor será publicado no Diário Oficial do Legislativo (sem custo), no Diário Oficial do Executivo (R$ 114,91), nos jornais de Porto Alegre Zero Hora (R$ 768,83) e Correio do Povo (R$ 629,85) e no jornal de Fortaleza O Povo (R$ 3.432). Essa última publicação foi incluída porque o deputado está na Capital cearense e não há data prevista de retorno. O advogado que defende Jardel,

Deputado reivindicou direito de defesa em comissão, mas está desaparecido

Rogério Bassotto, não quis se pronunciar sobre o paradeiro do parlamentar. O processo de cassação do deputado do PSD foi suspenso pela Justiça gaúcha, com a alegação de que Jardel não foi ouvido durante o trabalho da subcomissão

processante da Comissão de Ética formada pelo Parlamento. Como a decisão em última instância dificilmente será conhecida em menos de um ano, a Assembleia decidiu reabrir o caso e dar a oportunidade para que Jardel seja ouvido.

cmyk


Notícias

Jornal da Manhã

Sexta-feira, 28 de outubro de 2016

AEDES AEGYPTI

Pequenos municípios estão infestados de vetor

A 17ª Coordenadoria Regional de Saúde (CRS) está percorrendo os municípios de sua área de abrangência para realização do LIRAa. A ação está sendo executada em todo o Estado, durante a segunda quinzena deste mês, mas na região acontece com um pouco de atraso, se estendendo para o mês de novembro, porque foi prejudicada em decorrência das condições climáticas. “O levantamento tem como prioridade identificar a real situação pós-inverno da infestação do Aedes aegypti em nossa regional para tomar atitudes mais coniventes com a entrada do verão e evitar os surtos e as questões de saúde pública que nos acometem pela presença do vetor”, explica o coordenador de vigilância ambiental da 17ª CRS, Carlos Alberto Noll. Com a proximidade do Verão, o trabalho de combate ao Aedes começou mais cedo em todo o País, além disso, por determinação do Ministério da Saúde , os agentes comunitários de saúde passam a ter o controle do vetor como uma de suas funções. “Estamos usando todas as armas disponíveis nos serviços de saúde para ver se a gente consegue a diminuição dessas enfermidades, porque a população

tem que começar a entender que isso deixa de ser responsabilidade do poder público, a saúde é de cada morador, cada um é responsável por sua saúde”, destaca. Para Noll é inadmissível que as pessoas ainda não compreenderam a importância do controle. “No verão de 2016 nunca se falou tanto em controle vetorial quanto agora, só que a gente fica extremamente chateado porque parece que a população não assimila, não entra no cérebro que é tão simples de passar uma vez por semana no pátio e recolher o que não deve estar lá”, lamenta o coordenador. Mas, ele afirma que as ações continuarão sendo realizadas no sentido de educar a população. “A educação sempre melhora, e o trabalho realizado pelos agentes nos municípios é de educador, tem que bater todos os dias, na quinta visita aparecem os resultados. A gente não desiste desta normativa, desta forma de trabalhar, porque temos que mudar os conceitos. Então, a pessoa que enxerga uma tampinha de garrafa tem que sentir que aquilo é uma agressão ao olho dela e ela tem que se abaixar e juntar.” Outra situação que Noll destaca como lamentável é que municípios da área de abrangência da

Carlos Alberto Noll

17ª CRS, com 400 imóveis, por exemplo, estão infestados pelo mosquito transmissor da Dengue, Zika e Chikungnya. “Mesmo municípios com dois mil imóveis é inadmissível ter o Aedes. Cada um tem que cuidar de sua casa, de seu pátio. É só a mudança de conceito, que tem que ser batida e as pessoas saberem que isso pode juntar água, que é uma agressão à saúde pública não pode ter”, exemplifica.

"Preocupação para o Estado", diz deputado Na próxima semana, uma comissão da Assembleia Legislatia deve ir até Brasília, onde busca resolver a situação que envolve a exploração da BR-290 (freeway) e da ponte do Guaíba. A preocupação é com o contrato da concessionária Triunfo Concepa, que se encerra em julho do ano que vem, e ainda não há movimentação para renovar a licença ou para um novo processo licitatório. Existe o temor de que o fim da concessão prejudique o içamento da ponte do Guaíba, o que pode gerar consequências econômicas para Porto Alegre e o Rio Grande do Sul. Entre as propostas que serão levadas pela comissão está a renovação da concessão com a Concepa, porém, com a condição de que a concessionária assuma a conclusão das obras da nova ponte do Guaíba. O vice-presidente do Movimento Ponte do Guaíba, Luiz Domingues, afirma que cinco dias sem o erguimento do vão móvel seriam suficientes para deixar Porto Alegre sem gás de cozinha, uma vez que a passagem é fundamental para esse abastecimento. Entre dez e 20 dias, a escassez do

cmyk

Municípios podem receber R$ 400 mi em repatriação Os prefeitos gaúchos estão ansiosos para receber nos próximos dias os recursos da repatriação. De acordo com o último balanço divulgado pelo Ministério da Fazenda, já foram regularizados pelos contribuintes cerca de R$ 110 bilhões até a última segunda-feira. Com a cobrança de imposto e multa sobre o montante repatriado, pelo menos R$ 33 bilhões entrarão nos cofres públicos da União, dos Estados e dos Municípios. A Famurs estima que, neste cenário, as prefeituras gaúchas recebam R$ 272 milhões. Porém, como o prazo para o reingresso dos valores termina em 31 de outubro, a receita para os municípios do RS pode chegar a R$ 412 milhões, se a União arrecadar os R$ 50 bilhões previstos. “A repatriação vai salvar a pele de muitos prefeitos no fechamento de contas, pois chega num bom momento e poderá compensar as perdas de receita que os municípios tiveram neste ano”, explicou o presidente da Famurs, Luciano Pinto. A lei da repatriação regulariza a volta de recursos lícitos no exterior para a economia brasileira. Pela legislação, o contribuinte pagará 15% de imposto, mais 15% de multa sobre o total repatriado. A assessora técnica da Área de Receitas Municipais da Famurs, Cinara Ritter, projeta que, caso não ocorra nenhuma mudança no

cronograma, o dinheiro entrará na conta das prefeituras ainda no próximo mês. “A partir de 1º de novembro, haverá uma cobrança para que o governo federal repasse de maneira imediata para os municípios os recursos da repatriação”, avaliou. Conforme a legislação, apenas o percentual de 15% sobre Imposto de Renda (IR) a incidir no montante repatriado será rateado com as prefeituras pelos critérios de divisão do Fundo de Participação dos Municípios (FPM). Em compensação, a arrecadação da multa de 15% sobre o mesmo valor não será partilhada com os municípios. Os prefeitos defendem que o Congresso promova mudanças na lei. “É mais do que justo a União dividir com os municípios o que for arrecadado com a multa”, ponderou Luciano Pinto. Lei da repatriação (nº 13.254/2016) vale para pessoas físicas ou jurídicas que tenham transferido ou mantido no exterior valores não declarados, ou atualizados incorretamente, e queiram agora de forma voluntária declarar ou retificar as informações ao governo brasileiro. A norma prevê que sejam repatriados valores contidos em depósitos bancários, instrumentos financeiros, operações de empréstimo e câmbio, participações societárias, ativos intangíveis, bens imóveis e veículos em geral.

Familiares das vítimas da Kiss fazem manifesto A tragédia da boate Kiss completou 3 anos e 9 meses, ontem. Para lembrar a data e homenagear as 242 pessoas que morreram, familiares iniciaram ainda na manhã de ontem uma vigília na tenda colocada na Praça Saldanha Marinho, no Centro de Santa Maria. As homenagens ocorreram até as 17h, quando ocorreu um Minuto do Barulho, ação que ocorre a cada mês desde a tragédia em 27

de janeiro de 2013. Nas redes sociais, a Associação dos Familiares das Vítimas e Sobreviventes da Tragédia de Santa Maria (AVTSM) lançou a campanha Quanto Vale uma Vida. Nela, cartazes mostram fotos e nomes com vítimas da tragédia. Essa é mais uma ação da entidade para evitar o esquecimento e buscar a punição aos responsáveis.

Obras da nova ponte do Guaíba estão paradas

produto atingiria todo o Estado. "Se nada for feito, eles (Concepa) vão fechar a cabine, entregar a chave em Brasília, e não teremos içamento da ponte até o novo contrato estar firmado." Para evitar a interrupção, Domingues propõe que a Concepa assuma as obras da nova estrutura como uma contrapartida pela renovação da concessão hoje em vigor. "A Concepa inclusive é responsável pelo atual projeto (para a nova ponte). Se não existe dinheiro, esse acordo pode aliviar

o governo federal e resolver o problema do Estado. O que não queremos é ficar sem gás", acentua Domingues. Presidente da Comissão de Economia, Desenvolvimento Sustentável e do Turismo da Assembleia, Adilson Troca (PSDB) trata o assunto como uma "preocupação importante" para o Estado. Conforme o deputado, é preciso dar início imediato à preparação de um novo contrato, seja para renovação com a Concepa ou para abrir nova licitação.

10

Durante um minuto, os familiares e amigos das vítimas fizeram barulho


Notícias

Jornal da Manhã

Sexta-feira, 28 de outubro de 2016

ACIDENTE NA ERS-472

Falha nos freios é apontada como causa de tragédia

O Comando Rodoviário da Brigada Militar (CRBM) divulgou ontem uma análise preliminar do acidente registrado na ERS-472, no km 39, em Tenente Portela, onde três pessoas morreram e outras três ficaram feridas. Pelo menos uma delas permanece internada em estado grave. A Polícia Civil aguarda o laudo do policiamento rodoviário para corroborar o inquérito. Conforme revelado pela PRE na noite de quarta-feira, uma carreta teria tombado e batido em um Chevrolet Celta que fazia o sentido contrário. De cinco ocupantes do carro, emplacado em Barra do Guarita, três não resistiram aos ferimentos e morreram. Eles eram da mesma família: Ilze Maria Holland, de 47 anos, e os filhos Cristiano, 22, e Izabele, 11. Foram

PLANTÃO ARROMBAMENTO - O prefeito de Ijuí, Fioravante Batista Ballin, foi mais uma vítima de arrombamento de veículo. Por volta das 22h de quarta-feira, seu Volkwsagen Gol estava estacionado no pátio do Câmpus da Unijuí quando foi alvo de elementos que estouraram o vidro lateral e levaram, pelo menos, o aparelho celular, um óculos, além de uma agenda. O prefeito comunicou à Brigada Militar. O caso deverá ser entregue à Polícia Civil. ROUBO - Mais um caso de roubo foi registrado junto à Polícia Civil de Ijuí. Na manhã de ontem, um homem registrou uma ocorrência no plantão alegando que na noite de quarta-feira, ocupava seu veículo, um Volkswagen Fusca, em via pública. Ainda conforme o registro, a vítima estaria na Rua Barão do Rio-Branco, bairro Glória, quando foi abordado por um homem portando uma faca, que sob fortes ameaças, exigiu o carro e pertences. O aparelho celular, uma carteira contendo cartões e R$400 em espécie, além dos equipamentos automotivos, foram subtraídos pelo meliante que ainda usou o carro e o abandonou logo em seguida. O trabalho de perícia ficou comprometido já que a vítima e o seu filho, após encontrarem o veículo, mexeram, e dessa forma, inviabilizaram o trabalho. O caso deve ser investigado pelos agentes da Polícia Civil.

Laudo do Comando Rodoviário deverá apontar as causas do acidente

socorridos em estado grave a namorada de Cristiano, de 17 anos, e o pai do jovem, de 54. Além dos ocupantes do automóvel, o motorista da carreta também ficou ferido, mas foi examinado e liberado ainda na madrugada de ontem pelo Hospital de Tenente Portela.

Também durante a madrugada, a jovem foi encaminhada à Unidade de Terapia Intensiva (UTI) de Três Passos, com traumatismo craniano, além de várias fraturas, assim como o pai de Cristiano, que ainda teve os pulmões perfurados e foi para a UTI de Erechim.

11

PF investiga fraude nos restaurantes da Unipampa A Polícia Federal deflagrou na manhã de ontem uma operação contra fraudes no controle de pagamento feitos a cinco empresas que administram restaurantes de unidades da Universidade Federal do Pampa (Unipampa), no Rio Grande do Sul. A polícia estima que o prejuízo possa chegar a R$ 3 milhões. Mais de 100 policiais participam da Operação Bandejão, que cumpriu 22 mandados de busca e apreensão, e três de condução coercitiva nas cidades de São Borja, Alegrete, Bagé, Dom Pedrito, Uruguaiana, São Gabriel, Jaguarão, todas no Rio Grande do Sul, e também no município de Araraquara, em São Paulo. A investigação foi iniciada em 2016 a partir de informações obtidas pela Procuradoria Fede-

ral que apontou que as empresas teriam burlado controles oficiais, duplicando o lançamento das refeições oferecidas aos alunos das unidades da Unipampa, o que teria gerado pagamento indevido. As empresas, conforme a Polícia Federal, teriam utilizado a senha e a matrícula dos alunos para fazer lançamentos falsos no sistema de refeições. Em outros casos, alunos aparecem no sistema de controle consumindo refeições em dois restaurantes diferentes, com minutos de diferença. Por conta dos indícios apurados, a PF acredita que o esquema contava com o envolvimento de servidores públicos federais nas fraudes. Os suspeitos são investigados pelos crimes de corrupção ativa e passiva, peculato e formação de quadrilha.

PC investiga abertura de empresas fantasmas A Polícia Civil investiga um esquema no qual empresas eram reabertas no Estado em nome de laranjas e pessoas já mortas. Na manhã de ontem, foram cumpridos sete mandados de busca e apreensão e outros cinco de condução coercitiva em Porto Alegre e Alvorada, além de duas cidades no Tocantins e três municípios em Goiás. A polícia suspeita que as empresas eram reabertas para participação em licitações ou para obtenção de empréstimos, compra de bens e imóveis de forma fraudulenta. Até agora, cinco pessoas são suspeitas de envolvimento com o esquema. Ainda de acordo com a polícia, dois empresários de Goiás contratavam pessoas no RS e um homem no Tocantins para fazer a abertura de empresas que estavam fechadas. Com isso, eles

aplicavam vários tipos de golpes. No Estado, foram cumpridos mandados de busca e apreensão e condução coercitiva em duas residências onde funcionam empresas de fachada. O esquema foi identificado pela Junta Comercial (Jucergs), que verificou que pelo menos 20 empresas tinham sido reabertas com pedidos de alteração dos nomes dos sócios. Com documentos falsos, os suspeitos reabriam empresas na Junta Comercial, sendo que os antigos donos já tinham morrido ou não tinham conhecimento do fato. A Jucergs, então, notificou a polícia, que deu início às investigações. A segunda fase da investigação vai apurar porque as empresas estavam sendo abertas nos três Estados, mas a suspeita é de que fariam parte de outras irregularidades, que ainda são mensuradas.

Suspeitos de execução em Lagoa Vermelha são presos Foram presos na manhã de ontem dois homens suspeitos de ordenar e executar duas idosas, encontradas mortas na tarde de terça-feira em uma propriedade rural de Lagoa Vermelha. Os corpos das mulheres, de 61 e 79 anos, tinham marcas de tiros. De acordo com a polícia, os presos são o sobrinho e o marido da sobrinha de Regina Venzon Picolli, 61 anos, uma das vítimas. Ela era dona da propriedade rural e tinha

ficado viúva há cinco meses. A outra vítima, identificada como Vilma Scalabrin Casal, de 79 anos, estava no local apenas para visitar Regina, e foi morta porque presenciou o crime. As duas foram encontradas por um vizinho que havia ido à propriedade para a realização de um serviço. A casa estava revirada. De acordo com a polícia, com base no relato de parentes, o caso passou a ser visto como execução motivada por uma herança.

Agentes cumpriram 22 mandados de busca e apreensão e três de condução coercitiva

Albergue de Carazinho incendeia e polícia apura No início da tarde de ontem, o Corpo de Bombeiros de Carazinho foi mobilizado para atender um incêndio que atingiu o Albergue do Presídio Estadual daquele município. Segundo informações da Bri-

gada Militar, os presos estavam no pátio e não tinha ninguém no alojamento B, onde ocorreu o incidente. Acredita-se que foi provocado por um curto circuito na parte elétrica. Rapidamente a situação foi controlada e não houve feridos.

MUNICÍPIO DE AJURICABA O Município de Ajuricaba/RS no uso de suas atribuições legais, torna público os Editais Nºs: 112/2016 - Leilão de Bens Móveis n° 01/2016, que acontece às 10h30 do dia 22 de novembro de 2016, na Rua Duque de Caxias, s/n°, nas dependências do parque de máquinas do Município. Edital n° 113/2016 – Pregão Presencial nº 10/2016, tendo por objeto, a aquisição de equipamentos para apicultura, abertura no dia 16 de novembro de 2016 às 9h30min, início do credenciamento às 9h do mesmo dia; Edital n° 114/2016 – Pregão Presencial n° 11/2016, tendo por objeto a aquisição de estação meteorológica, abertura no dia 17 de novembro de 2016 ás 9h30, início do credenciamento às 9h do mesmo dia; Maiores informações pelo fone (55) 3387-0607; e-mail compras@ajuricaba.rs.gov.br; site ajuricaba.rs.gov.br; ou diretamente no Setor de Compras junto a sede da Prefeitura durante o horário de expediente, Ajuricaba/RS, Velanir Bagolin, Prefeita em exercício.

EXTRATO PARA PUBLICAÇÃO O Departamento Municipal de Energia de Ijuí – DEMEI, de acordo com a Lei 8.666/93, torna público o seguinte processo licitatório: TOMADA DE PREÇOS 03/2016, do tipo menor preço global para a contratação de prestação de serviços de avaliação patrimonial do ativo Imobilizado do Demei, conforme especificações constantes do anexo I do Edital. Entrega dos envelopes no dia 16 de novembro de 2016, às 8h30. O edital estará à disposição dos interessados gratuitamente através de solicitação ao endereço eletrônico compras@demei.com.br e no site do Demei, endereço eletrônico: www.demei.com.br. Informações complementares poderão ser adquiridas junto ao Setor de Compras deste Departamento, à Av. Getúlio Vargas, 1454, Bairro Assis Brasil, Ijuí/RS, no horário entre no horário entre 7h30 às 13h30, ou pelo telefone (55) 3331- 7716. Ijuí, 27 de outubro de 2016. Elisandra Auzani Coordenadora de Compras

cmyk


Esporte

Jornal da Manhã

Sexta-feira, 28 de outubro de 2016

Municipal Feminino tem jogo decisivo O segundo finalista do Campeonato Municipal de Futsal Feminino de Ijuí será conhecido hoje à noite no Ginásio Wilson Mânica no jogo entre as equipes ASPF e E.C.Ijuí. O vencedor enfrenta na decisão a AFK que goleou por 5 a 0 o Progresso na última quarta-feira no Ginasião. Acompetição iniciou com duas chaves de três equipes. Na categoria sênior, o Mercado Darci e Scherer goleou por 7 a 2 o Mercado Copetti. A Afumisa/BB Som Comunicação venceu por 1

a 0 o time Amigos do Sete. Nesta sexta-feira serão disputados dois jogos pelos veteranos abrindo a segunda fase. O Arsenal Baterias Goi enfrenta o Avante/ Quarta-Feira e o Boleiros Futsal joga com o Alvorada/Climaq. A segunda fase da Divisão Única abre na próxima segunda-feira no Ginasião com a disputa de três jogos. Nesta nova etapa as partidas são eliminatórias. Nas semifinais estarão os vencedores da terceira fase, mais o

Campeonato de Futsal, categoria sênior teve a disputa de dois jogos quarta-feira

melhor disciplina dos perdedores desta etapa. Os confrontos serão sorteados. Disputam a final os vencedores das semifinais. Não

haverá disputa de terceiro e quarto lugar, ficando na terceira posição o time que perder a semifinal para o campeão.

SEGUNDA FASE Hoje, 28.10 a partir das 19h Veteranos-Arsenal Baterias Goi x Avante/Quarta-Feira Veteranos-Boleiros Futsal x Alvorada/Climaq Feminino-ASPF x E.C.Ijuí Segunda-Feira,31.10 a partir das 19h Titãs x Sport Club PC Progresso/Portuguesa x Golden Ball/Supergasbras/Quarta-Feira Certa Afumisa/Climaq x Boca Juniors/ Apollo Alarmes Terça-Feira,1º.11 a partir das 19h Atlético Vila Glória x Atlético/ Relojoaria Kauffmann São José x Boleiros Futsal Atlético Modelo x União do Getúlio Vargas Sexta-Feira,4.11 Sênior-Fluminense do Alvorada x Afumisa/BB Som Comunicação Sênior-Mercado Darci e Scherer x Amigos do Sete

Segunda-Feira,7.11 a partir das 19h Ginásio Municipal Walter Müller do bairro Modelo Audax/Ramos Construções x Ouro Verde Santa Cruz do Colonial x PréMoldados Dreffs Independência Futsal x Colombianos Resultados Segunda-feira, 24.10 Veteranos-Alvorada Climaq 3 x 6 Arsenal Baterias Goi Veteranos-Avante Quarta-Feira 4 x 5 Flamengo Linha 11 Norte/ Óptica Glória Chave J-Holimpia 0 x W.0. Sport Clube PC Chave J-City Hotel/Clip Santo Antônio 3 x 5 Paladino F.C. Quarta-Feira,26.10 Sênior- Mercado Darci e Scherer 7 x 2 Mercado Copetti Sênior-Amigos do Sete 0 x 1 Afumisa/BB Som Comunicação Feminino-AFK 5 x 0 Progresso

Preparação da dupla Gre-Nal para a 33ª rodada A delegação do Grêmio que seguiu ontem para Florianópolis, onde enfrenta o Figueirense amanhã às 19h30 pelo Campeonato Brasileiro, leva na bagagem a vantagem de ter construído vitória de 2 a 0 contra o Cruzeiro, na noite de quarta-feira, no Mineirão, pela primeira partida da semifinal da Copa do Brasil. Apesar disso, o grupo busca conter a euforia e evitar o clima de já ganhou. Feliz com sua atuação e o bom desempenho do time, o lateral esquerdo do Grêmio, Marcelo Oliveira, chama a atenção para a necessidade em se manter a seriedade e intensificar o foco

para o jogo na Arena. “Sabemos da qualidade da nossa equipe, temos condições de ser campeões. Precisamos nos preparar para o melhor”, destacou. Já o capitão Maicon, considera o valor do triunfo do Tricolor fora de casa, mas enfatiza a importância de vencer em Porto Alegre, com o apoio da torcida. “O torcedor está no seu papel de comemorar. Merece um título depois de tanto tempo sem vencer. Nós jogadores devemos nos dedicar para não deixar a vaga para a decisão escapar”, ponderou. Logo após o intervalo da Copa do Brasil, o Internacional voltouse para a sua maior missão do ano

que é escapar do rebaixamento no Campeonato Brasileiro. Para alcançar esse feito precisa vencer, no Beira-Rio, a partida contra o Santa Cruz-PE, amanhã às 18h30, pela 33ª rodada da competição nacional. Nesse sentido, para contar com o apoio da torcida, a direção colorada está mantendo a promoção de ingressos para Sócios Campeão do Mundo e das demais categorias que adquirem ingresso e têm acesso gratuito na inferior/superior livres mediante Check In. Depois do jogo de quarta-feira contra o Atlético-MG o volante Rodrigo Dourado falou sobre o momento do Inter:“A gente vem

em uma crescente, com bons resultados. O o resultado não diz o que foi a partida. Tivemos várias chances e perdemos. Agora é focar no Santa Cruz, apesar de eles estarem lá embaixo, é um jogo difícil. Esses jogos nos complicam muito. É focar neles e depois pensar no Atlético-MG”, pontuou. Hoje o Inter seca o Vitória que tem 35 pontos e encara o Fluminense, no Maracanã. O Colorado torce por um tropeço do time baiano. O técnico Celso Roth define nesta sexta-feira o time que enfrenta o Santa Cruz. Não está descartada a possibilidade do meia Anderson seguir como titular.

Brasil-Pel encara o Joinville fora de casa O Brasil-Pel busca reabilitação na Série B do Campeonato Brasileiro hoje às 21h30. O xavante pelotense enfrenta o Joinville, na Arena Joinville, em Santa Catarina. O volante Washington é um dos desfalques do time gaúcho que ocupa nesta momento a 11ª posição com 45 pontos. O zagueiro Cirilo é outro que não joga e deve ser substituído por Teco. O meia Elias, revelado pelo São Luiz é titular no Brasil jogando mais à frente como atacante. O meia Marcos Paraná e o lateral Xaro, ex-São Luiz estão na reserva do time treinado por Rogério Zimmermann.

cmyk

33ª rodada Hoje,28.10 Criciúma x Londrina-19h15 Paraná x Bragantino-20h30 Náutico x Atlético-GO-21h30 Joinville x Brasil-Pel-21h30 Amanhã,29.10 Bahia x Ceará-17h Paysandu x Sampaio Corrêa Tupi-MG x Vila Nova-21h Resultados Terça-Feira,25.10 Oeste 1 x 1 Luverdense Goiás 3 x 0 CRB Quarta-Feira, 26.10 Vasco 0 x 0 Avaí

12

DE PRIMEIRA REGRA MUNDIAL O primeiro jogo da decisão do Campeonato Municipal de Bocha de Ijuí, Regra Mundial 2016 será hoje às 19h30 na cancha do CTG Laureano Medeiros entre as equipes do CTG Laureano Medeiros/Gimenez e da AABB/Zanetti Engenharia e Construção. Os jogos de volta das semifinais foram disputados na última sexta-feira com estes resultados:Burtet Diretoria 0 x 3 CTG Laureano Medeiros/Gimenez; e AABB/Zanetti Engenharia e Construção 3 x 0 Dallepiane Moto Peças.

BOCHA DO INTERIOR

Os jogos de ida das semifinais do Campeonato Municipal de Bocha do Interior serão disputados hoje em Ijuí a partir das 20h. A rodada terá estas partidas: Amigos da Bocha do Parador x Avante de Arroio das Antas; e Rincão dos Goi x Ijuí da Linha 8. As partidas de volta das quartas de final foram disputadas na última sexta-feira com estes resultados: Ijuí da Linha 8 3 x 0 25 de Julho; Amigos do Santana 2 x 1 Rincão dos Goi; Gaúcho de Floresta 0 x 3 Amigos da Bocha do Parador; e Avante de Arroio das Antas 3 x 0 Amigos do Timbó.

FUTSAL FEMININO

Mais de 16 equipes da região disputarão no próximo domingo a partir das 8h da manhã no Ginásio Municipal de Esportes Wilson Mânica em Ijuí a 1ª Copa Acadêmica de Futsal Feminino Livre. A inscrição custa R$ 150,00. Haverá a distribuição de troféu para a goleadora e a goleira menos vazada. Primeiro lugar: R$ 700,00; segundo lugar: R$ 350,00 e terceiro lugar, R$ 150,00, mais troféu e medalhas. Informações e inscrições no 558433-5239, taisbidinha@gmail. com. O evento é promovido pela acadêmica do curso de Educação Física da Unijuí, Taís Bidinha.

COPA SUL AMERICANA

A Chapecoense segue fazendo história na competição. A equipe catarinense goleou por 3 a 0 o Junior Barranquilla-COL quartafeira na Arena Condá e avançou para as semifinais. Ananias, Gil e Thiego marcaram os gols do time treinado por Caio Junior. O Nacional-COL que venceu o Coritiba por 3 a 1, com três gols do artilheiro Borja vai enfrentar o Cerro Porteño do Paraguai que ganhou do Independiente de Medellín (COL) por 2 a 0, na última terça-feira.

JOGOS COMERCIÁRIOS

Elias (vermelho) é titular e vive boa fase no Brasil-Pel que hoje enfrenta o Joinville

Devido às condições do gramado do campo da Associação Atlética Banco do Brasil(AABB) foi transferida mais uma vez a partida final da etapa municipal dos Jogos Comerciários de Futebol Sete. As equipes Guaracar/Rede Nossa Casa e Stop Car Lavagem que jogariam ontem à noite se enfrentam hoje às 19h30 na AABB.


Acontece

Jornal da Manhã

Sexta-feira, 28 de outubro de 2016

13

Antes e depois: Mara Sausen aos 19 anos, e hoje, com 54, relembrou na Stampa a experiência de rainha da Expo-Ijuí

A

Eterna rainha

Rua Floriano Peixoto foi fechada para a tarde dedicada às crianças

primeira e única rainha da Expo-Ijuí foi Mara Sausen, eleita na primeira feira, em 1981. Mara contou para a Stampa de outubro, a experiência de representar o município durante os nove dias. Hoje aposentada, mãe de um único filho médico, ela conta que sua rotina naquela época era de recepcionar visitantes e expositores, hoje, papel das Embaixatrizes. Mara se surpreende com as mudanças da feira e do Parque ao longo dos anos e gostaria que o concurso para escolher rainhas e princessas da Expo-Ijuí tivesse continuidade. "Tudo melhorou cem por cento em relação à minha época, mas acho que deveriam voltar a escolher rainhas e princesas", diz ela.

D

Rua da criança

edicada a todas as crianças, aconteceu sábado a Rua das Crianças, organizada pelo Ceap e a Associação de Pais, Professores e Funcionários. A programação especial aconteceu na rua ao lado da escola, na quadra da Floriano Peixoto. As crianças aproveitaram os brinquedos infláveis e outras opções de brincadeiras, como bolhas de sabão gigantes, pinturas no rosto, desenhos, pingue-pongue, slack line e tendas de lanche. Muitas famílias aproveitaram a tarde de brincadeiras.

Casa de Dança Amanhã, às 23h, na Casa De Dança, a animação será por conta da Banda Tok Legal, com repertório direcionado aos apreciadores da dança a dois, passando pelo bolero, samba, forró, sertanejo aos ritmos gauchescos. O traje exigido é o alto esporte, não sendo permitido tênis, camiseta e minissaia, seguindo as normas da dança de salão.

Tarde de limusine

Monaliza Dallabrida e André Cervi na Casa Austríaca

Ibrahim e Márcia El Ammar no Baile de Abertura da Expo-Ijuí

Para lançar a coleção de verão, a Le Mond promove para suas clientes, hoje, uma tarde de passeios na Limusine Vip. O lançamento da coleção verão da Morena Rosa, Lança Perfume, Dimy e John John ofereceu para quem comprou nesta semana na Le Mond, um sorteio para um lindo passeio na Limousine Vip. As clientes que quiserem as melhores peças, devem se antecipar e correr para a Le Mond e concorrer ao passeio. Hoje a loja terá horário estendido até as 20h.

Yázigi

Clara e Luiz Carlos Fabrim no Encontro da Geração 70, na Sogi

O Instituto de Idiomas Yázigi promove hoje a Noite de Halloween, com muitos doces e diversões, incluindo um passeio de ônibus. Irão participar alunos e amigos de alunos, na faixa etária de até 11 anos. Informações pelo telefone 55 3332-9508. As inscrições ainda podem ser feitas hoje.

Marcos, Sabrina e Maria Eduarda Benetti na comemoração dos dentistas no Valle Verde

cmyk


Jornal da Manhã

Sexta-feira, 28 de outubro de 2016

NOVELAS

Certificado de qualidade (sigla)

Atacou a Faixa de Gaza em 2014

Papéis extintos na votação eletrônica Provoca mágoa Segredos culinários

Vasilha de adegas Permanecido

Região Função da capa do fio Brinquedo do parque de diversões

Espaço a ser preenchido em provas

Dar um (?): chamar a atenção (pop.)

Elevação escalada pelo alpinista Capitão-(?): distribuía sesmarias Alguns

A L O 30

Solução

T H B D

L E N I N S A R I

G U L A N A T O

C E L L S O B

O

M

O

D A C E A Z P R I O E M I I T N I O A S D O O

BANCO

Z

cmyk

101, em romanos Exagero no comer

I S R A E L

Tiago vai ao teatro com Isabela Tiago vai ao teatro com Isabela. Letícia fica abalada com os argumentos de Helô sobre seu noivado. Ciro manipula Vitória sobre a briga que Pedro teve com Fausto. Venturini tenta se insinuar para Salete. Elio pede autorização a Ana Luiza para postar a notícia sobre o atropelamento de Marcão. Tiago e Isabela se beijam. Salete desiste de ser a vice de Hércules. Isabela vê uma foto do noivado de Tiago e fica abalada. Vitória passa mal e Ciro a leva para o hospital.

Líder da Revolução Russa (Hist.)

Gravadora britânica Celular (abrev.)

N T E

A Lei do Amor- Globo

Classificação do cloro (Quím.)

O Nobel de Obama Domínio; supremacia

U N S

Carmela tenta se afastar de Shirlei Carmela tenta se afastar de Shirlei. Vitória se preocupa com a possibilidade de ser descoberta. Epaminondas decide viajar com Safira. Carmela se descontrola e revela por que sente raiva de Shirlei. Penélope não consegue fazer Rebeca desistir de seu plano para ficar com Aparício. Francesca conta para os filhos tudo sobre o trauma de Carmela. Beto brinca com Tamara. Apolo comunica a Nair que não irá ao casamento de Tancinha com Beto. Carol questiona Isabel sobre a guarda definitiva de sua família. Leozinho e Agilson compram o ponto da barraca de feira de Francesca. Bruna decide levar Giovanni para seu chalé após o casamento de Tancinha. Shirlei pede para falar com Carmela antes de denunciá-la. Henrique leva Penélope para conhecer sua mãe.

Desfecho A revista dos ricos e famosos Capela doméstica Lábio saliente

(?) anos: idade obrigatória para o alistamento militar Alimento do gado

D I C A S

Haja Coração - Globo

© Revistas COQUETEL

Local da carteira de dinheiro Nascido

A L O

Globo Lenita termina com Felipe Cesar afirma para Sinhá que conseguirá reconquistar Alice. Mario conta para Alice que pretende ajudar a comunidade do Sanfona. Lenita termina com Felipe, que fica inconsolável. Cesar é rude com Carolina. Mario convoca todos os motociclistas a ajudarem a comunidade carente e consegue recolher muitos donativos. Lenita avisa a Vittorio que terminou o namoro com Felipe. Tanaka recebe alta do hospital. Sinhá obriga Cesar a seguir com a vingança contra Tanaka.

Função da resistência Dois vícios de do chuveiro elétrico linguagem Tradicional veste da mulher indiana

3/emi — iso. 4/sári. 5/lênin. 6/israel. 9/halogênio. 13/eco e cacofonia.

Sol Nascente -

PALAVRAS CRUZADAS DIRETAS

www.coquetel.com.br

G E R A Ç Ã O D E C A L O R

Outro dia, assistindo uma entrevista de um psiquiatra na Globo News, chamou minha atenção quando ele falou que estamos vivendo uma "epidemia da distração", referindo-se às tantas solicitações e estímulos impostos a nós no dia a dia e, a dificuldade de concentração que isso acarreta. O psicólogo Pedro Sobrino Laureano alerta o espantoso crescimento, em todo mundo, do número de pessoas que recorre ao remédio Ritalina para conseguir trabalhar,

S R

COISAS DA VIDA

E C O E C A C O F O N I A

Psicóloga Esp. em Gestão de Pessoas Especialista em Terapia Cognitivo-Comportamental

como empregamos e saboreamos nosso tempo, que segundo ela, é sempre o tempo presente. O jornalista Jay Dixit sugere seis passos para viver nesse momento. Fica a dica: 1. Para melhorar seu desempenho, pare de pensar sobre ele. Pensar demais no que você está fazendo faz com que você faça pior o que está fazendo. Ex.: Para conseguir dançar com a música, entregue sua atenção para o ritmo dela. 2. Para evitar ficar se preocupando com o futuro, foque no presente. Frequentemente nós ficamos tão emaranhados em pensamentos do futuro e do passado que esquecemos de experimentar o que está acontecendo agora. 3. Se você quer ter um futuro no seu relacionamento, habite o presente. A atenção neutraliza os impulsos agressivos nas pessoas. 4. Para aproveitar ao máximo o tempo, perca a noção dele. O fluxo acontece quando você está tão compenetrado numa tarefa que perde noção de tudo que está em volta de você. 5. Se algo está lhe incomodando, mova-se em direção a ele e não para longe dele. Ajuda a desbloquear padrões mentais e emocionais que certamente iriam voltar para lhe incomodar no futuro. 6. Saiba que você não sabe. Uma vez que achamos que sabemos algo, paramos de prestar atenção nisso.

C

Sônia Arriens Cassel

estudar...com maior concentração, capacidade produtiva e foco. Concordo com ele que "não se trata de condenar moralmente o uso que algumas pessoas podem fazer do remédio, que pode trazer benefícios reais para alguns indivíduos..." Mas como Laureano aponta, trata-se de investigar o uso massivo da medicação. Ele questiona com propriedade: "Por que não conseguimos mais prestar atenção, focar naquilo que nos é exigido? Será que as tarefas que nos são propostas já não nos parecem tão atrativas, ao ponto em que precisamos, literalmente, nos remediar de nossa incorrigível distração..." Infelizmente vivemos submetidos ao imperativo da urgência do possuir e do realizar. "Tempo de viver on line...tempo de bem-estar químico... tempo de tudo" (Cavalcanti). Dar conta das demandas diárias, nos impede de estar "inteiros" em tudo que fizermos, desde uma simples e descontraída conversa com nossos familiares e amigos pois estamos sempre distraídos, preocupados com tudo que temos por fazer. "Estamos, de fato, cada vez menos atentos. Precisamos, cada vez mais, de esforços hercúleos para prestar atenção em qualquer coisa que seja. Os filmes, as conversas, as notícias, os amores, os trabalhos, nos chegam cada vez mais em clips, em pequenos pedaços e fragmentos" (Laureano). Lya Luft nos alerta que devemos resolver

14

Horóscopo Áries A necessidade de independência precisa ser contrabalançada com a harmonia na relação. O importante é que os dois lados sejam respeitados. É tempo de avaliar o que é bom para si e para o outro. Touro Ser competente só te traz vantagens. O trabalho fica mais organizado, rende mais, os resultados são melhores e, por tudo isso, vira uma fonte de satisfação. É tempo de se aperfeiçoar cada vez mais. Gêmeos Quando as possibilidades são muitas, há dificuldade de escolha. Talvez o melhor seja optar pelas coisas que te dão prazer. É tempo de utilizar da sua flexibilidade para dar conta de tantas atividades. Câncer Às vezes, você percebe uma repentina preocupação com assuntos há muito guardados no coração. É tempo de analisar com cuidado o que precisa para amenizar insatisfações. Leão As incertezas causam desconforto, e a sua mente insiste em se concentrar nas falhas, e na possibilidade de cometê-las. É tempo de conhecer e entender os seus limites para superá-los. Virgem Talvez você sinta necessidade de se afirmar. Há várias maneiras de expressar seus sentimentos, muitas criativas, outras destrutivas. É tempo de encontrar o jeito adequado de dizer o que sente. Libra As relações podem ser equilibradas com criatividade. Deste modo, é preciso permitir que o novo proporcione mudanças. É tempo de ser original e cultivar a harmonia nas suas relações. Escorpião Nada pode se comparar às pequenas manifestações de gentileza. Afinal, são elas que conseguem suavizar os momentos difíceis e criar amor. É tempo de compartilhar mais afeto com o parceiro. Sagitário A suavidade nas atitudes faz toda a diferença nos relacionamentos. Atitudes “doa a quem doer” podem causar ressentimentos. É tempo de agir com delicadeza para conviver bem com os outros. Capricórnio A persistência e a organização são responsáveis pela conquista de seus objetivos. A seriedade nas ações transmite confiança para quem está ao lado. É tempo de recuperar emoções esquecidas. Aquário Para realizar um grande feito pode ser necessário fazer parcerias. Assim, o melhor é buscar pessoas que tenham objetivos comuns com você. É tempo de unir forças para traçar metas mais ousadas. Peixes Neste momento a linguagem pode estar mais favorecida. Principalmente na hora de expor as próprias opiniões É tempo de esclarecer mal-entendidos ao resolver questões de relacionamento.


Jornal da Manhã

Sexta-feira, 28 de outubro de 2016

GESTÃO, NEGÓCIOS & CIA

Marcelo Blume marcelo.blume@referenda.com.br

As crises e as lideranças Vivemos num país em que as crises vão e vem, mudando apenas os motivos, como efeitos climáticos, ou política. As crises têm maior ou menor impacto nas organizações empresariais ou não, públicas, privadas ou comunitárias de acordo como as lideranças conduzem o processo entre as crises e durante as crises. A forma como as lideranças estruturam a organização durante seus melhores momentos para enfrentar a próxima crise, como um bom fundo de reserva, investimentos em projetos perenes de aumento e garantia de receitas, planejamento, organização e controles, é determinante para o bom andamento da organização diante de qualquer situação externa. Uma boa leitura de como e quando este momento vai chegar também auxilia muito para decidir como agir nas etapas que se seguirão. Pode-se culpar os governos municipal, estadual e federal ou a economia do planeta sobre as decisões mal conduzidas, políticas equivocadas, prioridades mal definidas. Estas situações têm gerado sem dúvidas, dificuldades para que as organizações brasileiras independente da sua natureza, se desenvolvam em nível mundial, a ponto de muita gente dizer que um governo que não atrapalha, já ajuda muito no desenvolvimento. Todavia, os governantes não podem ser culpados por uma série de situações que só podem ser resolvidas por quem está à frente das organizações, responsável pelas decisões. Construir um fundo de reserva para ser utilizado em momentos de dificuldades para bancas os custos fixos como a folha de pagamento e manutenção, evitando a necessidade de financiamentos de capital de giro, que tem sabidamente custos mais altos é algo da maior importância. O crédito deve ser aquela opção estratégica utilizada para investimentos que claramente vão gerar resultados e que por sua vez vão contribuir com o desenvolvimento e a solidez da organização a médio e longo prazos. Quando os prenúncios são de crise política, deve-se ter clareza de que os programas governamentais não podem ser pilares da sustentação da organização. É preciso evitar que a vantagem competitiva de uma organziação seja ancorada em políticas de um governo, que no Brasil, sabe-se que não são perenes e não possuem garantia de continuidade. A análise da ociosidade das operações deve ser feita constantemente, para que sejam tomadas decisões de base evitando que a ociosidade seja gerada. Efetuar pequenos cortes em pontos específicos de maneira mais frequente gera bem menos traumas, transtornos, insatisfações e dificuldades do que fazer grandes cortes quando as crises afetam a saúde da organização. Além disso, grandes cortes envolvem altos custos imediatos e para quem já tem dificuldade de caixa, os efeitos podem ser tão traumáticos quanto a repercussão e o abalo na imagem institucional e de seus líderes. Utilizar o período de menos movimento no setor para direcionar parte dos esforços na revisão do planejamento dos próximos 5 anos, fazer pesquisas de mercado e perspectivas de negócios para os próximos 3 a 5 anos, elaborar projetos e implementar ações de maior envergadura que precisam de maior tempo para gerar resultados é a agenda positiva que as lideranças precisam fomentar nas suas organizações, em paralelo as preocupações com os controles. Um abraço e até a semana que vem!

15

UNIMED

Segurança é tema de treinamento Ao buscar a qualificação da sua rede prestadora, a Unimed Noroeste/RS amplia o esforço em busca da acreditação como operadora de planos de saúde, com reflexos diretos na relação com seus beneficiários. Esta política foi reforçada na quartafeira, durante treinamento que envolveu administradores e coordenadores assistenciais de hospitais credenciados da região. A atividade contemplou visita técnica ao Centro de Materiais e Esterilização e a Lavanderia do Hospital Unimed Noroeste/RS. A gerente de Desenvolvimento Humano e Sustentabilidade, Analice Koch, destaca que a Acreditação de Operadora pela ANS preconiza o acompanhamento dos prestadores, avaliando o seu desempenho e promovendo ações de desenvolvimento. Já o diretor técnico do Hospital, médico Jorge Luiz Vargas Montardo, enfatiza que “o esforço para qualificar o

atendimento contribui para a maior segurança do paciente”. A atividade desta semana contemplou o tema Segurança do Paciente na Instituição Hospitalar, abordagem feita pelo consultor Breno Roberto, da IAG Saúde – Instituto de Acreditação e Gestão em Saúde. No Brasil, este conceito vem sendo trabalhado de forma efetiva pelos órgãos governamentais e pelos serviços de saúde a partir de 2011, com a adoção de normas reguladoras por parte do Ministério da Saúde, Anvisa e ANS. A exigência para que os serviços hospitalares implantem o Núcleo de Segurança do Paciente veio apenas em 2013, visando prevenir, monitorar e reduzir a incidência de eventos adversos nos atendimentos prestados. Breno observa que a disseminação da cultura de segurança contribui para reduzir a ocorrência de evento adverso, “que é o incidente que resulta em dano à saúde”. Tais eventos

Representantes dos hospitais foram recebidos no Centro de Materiais e Esterilização

causam prejuízos ao paciente, familiares e a todo sistema de saúde. Podem ocorrer devido às falhas de processos ou estruturas da assistência. O consultor frisa que a adoção de práticas voltadas à segurança do paciente e a qualidade em serviços de saúde exige o envolvimento direto das

lideranças da organização. Do treinamento desta semana participaram representantes da rede credenciada da Unimed Noroeste/RS em Ajuricaba, Chiapetta, Crissiumal, Frederico Westphalen, Ijuí, Palmeira das Missões, Três Passos, Rodeio Bonito e Santo Augusto.

Comunidade participa da Papai Noel dos Correios reinauguração de Capela incentiva a solidariedade

Celebração foi realizada no fim da tarde de ontem

Ontem, a comunidade escolar do Colégio Sagrado Coração de Jesus (CSCJ) participou do ato que celebrou a reinauguração da Capela da Escola, com uma Missa celebrada pelo pároco da Natividade Padre Magnus. A capela foi construída em 1963 e neste ano passou por uma reforma completa. Foi realizada troca do telhado, conserto do teto, troca do piso e pintura interna. O momento da reinauguração também foi prestigiado pelas Irmãs Sonia Grass e Fátima Mello,

representando a mantenedora da Rede Verzeri. A diretora do CSCJ Lorena Beal enfatiza que “a data de 27 de outubro foi escolhida especialmente para a inauguração, tendo em vista seu significado, pois contempla os 215 anos do nascimento de Teresa Verzeri, os 185 anos de fundação da Congregação das FSCJ, os 85 anos de presença missionária no Brasil e 15 anos da proclamação da santidade de Teresa Verzeri. Portanto, um belíssimo momento de homenagem.”

MUNICÍPIO DE IJUÍ – PODER EXECUTIVO AVISO DE LICITAÇÃO PREGÃO PRESENCIAL Nº 67/2016 – OBJETO: Aquisição de mobiliários e eletrodomésticos diversos. ABERTURA: 17/11/16 às 11h. Informações pelo telefone/fax (55) 3331-8219 ou no site www.ijui.rs.gov.br. Ijuí/RS, 27 de outubro de 2016. Fioravante Batista Ballin Prefeito Municipal

Realizada há mais de 20 anos, a campanha Papai Noel dos Correios é uma das maiores ações sociais natalinas do Brasil. Desenvolvida em todas as 28 diretorias regionais da ECT, tem por objetivo principal o envio de carta-resposta às crianças que escrevem ao Papai Noel. Além de estimular a redação de cartas manuscritas pelas crianças, a campanha incentiva a solidariedade dos empregados e da sociedade e tem como foco principal o envio de carta-resposta às crianças que escrevem ao Papai Noel, sendo o objetivo central de manter a magia do Natal. Segundo o gerente dos Correios de Ijuí, Paulo Schneider, os moldes continuam sendo como nos últimos anos, exclusivamente com as escolas. "Não vamos ter o porta a porta que era aberto para a comunidade como um todo, até

porque a questão das escolas, além de incentivar a escrita, incentiva a educação e fomenta a questão do voluntariado", comenta. Sobre a escolha das escolas que irão participar, o gerente acrescenta que é uma escola municipal e outra estadual. "A escola estadual já foi escolhida, portanto, vai ser a Escola de Ensino Fundamental Luiz Fogliatto e como escola municipal a Escola de Ensino Fundamental João Goulart", alega. Em relação a idade das crianças atendidas, Paulo afirma que são crianças que tem até 10 anos de idade. "Atendemos até essa idade ou até o 5º ano, esse é o limite. Crianças com deficiência não possui limite de idade, mas precisa estar em uma das escolas selecionadas", explica. As cartas podem ser entregues até o dia 10 de novembro.

PREFEITURA MUNICIPAL DE CORONEL BARROS AVISOS DE LICITAÇÃO O Município de Coronel Barros – RS torna público que encontra-se aberto o edital de licitação modalidade PREGÃO PRESENCIAL nº 011/2016 – MÃO DE OBRA E PEÇAS RANDON RK 406B – Licitação Exclusiva ME e EPP – Menor Preço Global. Abertura para o dia 09 de novembro de 2016 às 9h. O edital poderá ser adquirido pelo site www.coronelbarros.rs.gov.br. Coronel Barros, em 27 de outubro de 2016. SENIO REINOLDO KIRST Prefeito Municipal

cmyk


www.jmijui.com.br

RUA DAS CRIANÇAS

ELETROQUÍMICA

Na tarde de sábado, o Ceap promoveu um momento especial para comemorar o Dia das Crianças e envolveu a comunidade | 13

Os alunos da EFA tiveram uma aula diferente nesta semana: com ajuda de limões, construíram pilhas | 7

Futsal feminino tem jogo decisivo Segundo finalista do Campeonato Municipal será conhecido hoje no jogo entre ASPF e E.C. Ijuí | 12

Precariedade das rodovias prejudica trabalho da PRE Pesquisa divulgada pela CNT coloca estradas do Estado entre as piores do País. Comando Rodoviário também cobra providências. | 5

EDITORIAL | 6 A votação causou fortes emoções. Por um lado, indignação à classe Estado / dos aposentados. Já por parte do governo, alívio.

cmyk

Sitepaginas  
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you