Page 1

WWW.JMIJUI.COM.BR

Ijuí, Sábado e domingo, 7 e 8 de maio de 2016

Ano 42 - Nº 250

R$ 3,00

Preço pago pelo leite desestimula produtores Alto custo de produção e preço insuficiente deixam produtores receosos. Em contrapartida, elevação dos produtos lácteos é sentida pelo consumidor: em Ijuí, inflação em 2016 já chega a 10,41%. | 10 e 11

MPF apresenta denúncias ligadas a Lava Jato

Golpe no tráfico

Caso 25 de Julho segue sem respostas Denunciado há quase três anos, caso de equipamentos superfaturados foi encaminhado a Brasília. | 5

Ex-senador Gim Argello, políticos e empresários são denunciados na operação. | 9

Hospitais cansam de esperar e vão entrar na Justiça

Agenda 2020 debate situação econômica

Federação vai elaborar ação exigindo do Estado e da União pagamento de atrasados. | 3

Fórum em Ijuí mostra gargalos e aponta alternativas para o desenvolvimento. | 3

Agentes da Polícia Civil prendem irmãos suspeitos de homicídio e tráfico de drogas | 20

cmyk


Jornal da Manhã

RADAR FIES- Segue até o dia 31 de maio o prazo para o aditamento do 1º semestre de 2016 dos contratos do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies). O objetivo é permitir que todos os estudantes beneficiados pelo Fies possam fazer a renovação semestral do financiamento. O novo prazo foi estabelecido pela Portaria do FNDE nº 183/2016, publicada em abril, no Diário Oficial da União (DOU). O aditamento semestral é um dever do estudante para manter o financiamento, mas é iniciado pela Comissão Permanente de Supervisão e Acompanhamento (CPSA) da instituição de ensino.

Sábado e domingo, 7 e 8 de maio de 2016

OLHO DA RUA INDICADORES Poupança 7.5.2016 ..........................0,6931% Ouro 6.5.2016......................... R$ 143,80 (gr) Dolar Comercial (compra) ............ R$ 3,5025 Dolar Comercial (venda) ............. R$ 3,5031 Dolar turismo (compra) ............... R$ 3,4700 Dolar turismo (venda) ................... R$ 3,6600 Euro (compra) .............................. R$ 3,9928 Euro (venda) ................................. R$ 3,9935 IPC/FIPE Mar /2016 ..............................0,97% IGPM/FGV Mar/2016 ............................ 0,51%

GRIPE - Ijuí chegou a 75,55% da meta de vacinação contra a gripe H1N1. A campanha segue até o dia 20 para os grupos prioritários. Ainda não há informação sobre a liberação da vacina para a população em geral e nem sobre a chegada de mais vacinas. A vacina do tipo trivalente é eficaz e garante imunidade contra H1N1, H3N2, e um dos tipos da Influenza B. As pessoas que integram os grupos prioritários devem procurar seu ambulatório de referência para a imunização. AGENDA NA REGIÃO - O deputado Darcisio Perondi (PMDB-RS) estará neste fim de semana cumprindo agenda na região. Entre os compromissos destaca-se encontros com lideranças visando debater estratégias e coligações para as eleições municipais que ocorrem em outubro. Além disso, está previsto para hoje às 10h30 com a médica cardiologista Silvana Berwanger do Hospital de Caridade de Ijuí (HCI), e logo mais às 11h irá visitar o Hospital Bom Pastor juntamente com o presidente da instituição Martinho Kelm. CONSELHO - Conselho Municipal de Desenvolvimento de Ijuí (Codemi) realizou, nesta semana, sua reunião ordinária. O encontro ocorreu no auditório da Secretaria Municipal de Planejamento e Regulação Urbana (Seplan). Dentre os assuntos da pauta estavam o sucesso da Fenii e avaliação do evento, informações sobre Assembleia do Corede Norc realizada no dia 19 de abril, Consulta Popular 2016/17, agendamento da visita aos distritos industriais e Planejamento Estratégico: encaminhamentos a partir da reunião do Núcleo Coordenador.

INPC/IBGE Mar/2016 ............................0,44% IPCA/IBGE Mar /2016 ...........................0,43% IGP-DI-FGV Mar/2016 ...........................0,43% UPF/RS 2016.................................. R$ 17,144 *valores acima de R$ 300,00

LOTERIAS NÚMEROS EXTRA-OFICIAIS

No bairro Modelo, as placas de indentificação das ruas estão sofrem com o desgaste do tempo e do clima. Ferrugem e barro impossibilitam os condutores e pessoas que visitam o bairro de saber qual rua é.

cmyk

1º 2º 3º 4º 5º

-

2.618 0.698 1.536 9.828 8.268

LOTOFÁCIL

ENTRE ASPAS

CONCURSO nº

1358

"Os fatos que são elencados e assimilados pelo relator são fatos absolutamente contestáveis e o mérito de cada ponto não foi devidamente debatido (pelos ministros) com todo respeito ao contraditório que poderia ter sido oferecido", disse o deputado Eduardo Cunha.

01 02 03 04 06

"O Central esmagou o Grêmio com um inapelável 3 a 0 e se classificou às quartas de final da Copa", escreveu o La Capital, da Argentina.

18 19 20 22 23

"O que o torcedor não gosta evidentemente é sofrer quatro gols e não fazer nenhum. Imagino que deva estar doendo para o torcedor, como está para mim", disse Roger Machado, técnico do Grêmio. "O Grêmio apresentou deficiências, não insuficiência (fala que serviu para dizer que o elenco tinha qualidade para seguir adiante na Libertadores). Têm situações de jogadores que não corresponderam ao que atuaram ano passado. Já temos avaliações específicas", disse o presidente do Grêmio, Romildo Bolzan.

08 09 13 15 17

QUINA

CONCURSO nº

Getúlio

4077

03 14 15 37 43 PREVISÃO DO TEMPO Fonte: Climatempo

IPTU - Os contribuintes que optaram pelo pagamento parcelado do IPTU 2016, devem estar atentos porque no dia 15 de maio vence a segunda parcela. O pagamento poderá ser efetuado até dia 16, no Banco do Brasil, Banrisul, Caixa Econômica Federal, agência central dos Correios e rede lotérica conveniada. Quem não está de posse de seu carnê, deve retirá-lo no balcão de atendimento do IPTU, no horário das 8h30 às 11h30 e das 13h30 às 17h, ou diretamente no site www.ijui.rs.gov.br/paginapref/manual_de_orientacao_dos_procedimentos_ administrativos/carnes_iptu_e_iss_2016. Sobre os valores não quitados na data de vencimento incidirá multa de 2% e juros de 1% ao mês. ARTESANATO - Foi sancionada, na última semana, a Lei de Nº 6393, que autoriza a instalação e funcionamento da Feira de Arte e Artesanato dos Membros da Associação dos Artesãos do Brique da Praça da República (Abriq). O horário de funcionamento da Feira será das 9h às 21h, nas sextas-feiras, sábados e domingos.

2


Notícias

Jornal da Manhã

Sábado e domingo, 7 e 8 de maio de 2016

DESAFIOS DAS CIDADES

Desenvolvimento em debate na Agenda 2020

Ijuí recebe, na próxima semana, o evento Desafios das Cidades, que visa debater com os 50 maiores municípios do Rio Grande do Sul suas particularidades, potencialidades e o que pode melhorar. O evento faz parte de uma caravana da Agenda 2020, movimento voluntário sem vinculações públicas ou políticas que, através de 11 áreas temáticas, organiza propostas para promover o desenvolvimento econômico e social do Estado. Economista da Agenda 2020, Manuela Lopes explica que a iniciativa utiliza dados públicos para traçar um panorama da situação do Estado a partir de 13 indicadores, como renda e PIB per capita, qualidade do ensino nas séries inicias e finais do ensino fundamental, índices de homicídio e tráfico de drogas. Para promover o debate, Manuela conta que a iniciativa apresentará o projeto Sinaleira 2020, que mostra de maneira didática a situação das áreas pesquisadas. "Como em uma sinaleira, a cor verde indica os pontos nos quais estamos no caminho certo. Os indicadores na cor amarela mostram onde devemos ter muita atenção, enquanto a cor

Profissionais voluntários da Agenda 2020 vão debater 13 áreas temáticas

vermelha indica a necessidade de mudanças drásticas". No caso do Estado, a economista afirma que o indicador de gestão pública está com uma espécie de "vermelho mais intenso". "Não é novidade que o Rio Grande do Sul tem muitos problemas na sua situação fiscal, uma crise de imprudência que dura mais de 40 anos. Questões como gasto excessivo com pessoal, déficit na previdência pública e a falta de investimentos, que é onde a população vai sentir o retorno de sua contribuição, todos estão com a cor vermelha e sem viés de mudar para

amarelo", afirma Manuela Lopes. O Desafio das Cidades quer levar as estratégias para o aprimoramento do serviço público aos empresários e entes públicos municipais. "Esse é um ano de eleições municipais, por isso estamos nos aproximando dos municípios. Queremos ouvir os gestores, a sociedade em geral, a indústria, a universidade, para, juntos, conseguirmos achar as respostas". O evento da Agenda 2020 ocorre na próxima quinta-feira, às 9h, na sede da ACI. A entrada é gratuita.

3

Federação exigirá pagamento na Justiça Depois de inúmeras reuniões e estabelecimentos de diversos prazos, os responsáveis pelos hospitais filantrópicos do RS decidiram, em reunião na quintafeira, que os advogados da Federação das Santas Casas elaborarão uma ação para exigir o pagamento dos valores atrasados por parte do Estado e da União. A medida deverá ser proposta na primeira quinzena de junho. Além disso, os filantrópicos alegam que o Estado não tem cumprido o repasse anual de 12% do orçamento para a Saúde. Para contestar a aplicação, as entidades pretendem recorrer ao Tribunal de Contas do Estado do Rio Grande do Sul (TCE-RS). Em abril passado, as 245 Santas Casas e hospitais filantrópicos gaúchos completaram quatro meses sem receber recursos de programas específicos. A informação é da Federação. Desde dezembro do ano passado, o Estado não repassa os R$ 36 milhões mensais por serviços prestados pela rede, totalizando R$ 144 milhões. Essa dívida faz com que a estrutura hospitalar e o atendimento sejam prejudicados. O Hospital de Caridade de Ijuí (HCI) tem um atraso de R$ 2,8 milhões nas faturas. Já o valor destinado aos programas soma R$ 1,2 milhão, referentes aos meses

de fevereiro e março. Então, são R$ 3,8 milhões, incluindo mais alguns incentivos do Estado que também não foram pagos, somente neste ano, de acordo com informações passadas pelo presidente da instituição, Cláudio Matte Martins, em entrevista ao Grupo JM no final do mês passado. No início do ano passado, o cofinanciamento da saúde, que representa cerca de R$ 25 milhões mensais, também deixou de ser pago pelo Estado. Em âmbito nacional, 218 hospitais, 11 mil leitos e 39 mil postos foram fechados, em 2015, por causa do subfinanciamento da saúde. A dívida do segmento ultrapassa R$ 21 bilhões em todo o País. Outra questão que preocupa os filantrópicos é a linha de crédito para os hospitais com o Banrisul, estabelecida pelo governador José Ivo Sartori. O crédito, com intuito de quitar as dívidas de 2014 e de 2015, propõe o pagamento de R$ 300 milhões em repasses atrasados. "O Estado se comprometeu a pagar esse financiamento, mas a dívida é dos hospitais. A carência deve começar a ser paga em novembro deste ano. Estamos apreensivos, se eles não estão cumprindo os pagamentos mensais, quem garante que pagarão em novembro?", questiona Dornelles.

cmyk


Notícias

Jornal da Manhã

Sábado e domingo, 7 e 8 de maio de 2016

ESTAÇÃO CULTURA

Contrato para reforma de armazém é assinado Depois de muita expectativa e espera da comunidade, mais um passo para a obra de implementação da Estação de Cultura e Lazer foi dado na quintafeira. Isso porque o Executivo assinou contrato para a realização da reforma do prédio do antigo armazém da Rede Ferroviária Federal, onde será a sala de multiuso. A empresa licitada para a obra é Pedro Rogério Zanetti e Cia Ltda. Segundo o secretário de Cultura, Esporte e Turismo (Smcet), Sérgio Correia, nesta etapa será reformado o armazém e o pátio externo. "Com isso a obra deve ficar em 50%". Após o início da obra, a empresa tem o prazo de 120 dias para concluir. Esta reforma ainda é a primeira fase do projeto, etapa que contempla salão para 200 pes-

cmyk

Armazém, que integra espaço da Estação Cultura, deve receber a obra de reforma

soas, palco, banheiros, sala de administração e depósito, sendo o local com acústica própria para a realização de eventos, e que receberá a integração dos vagões. O pátio terá piso intertravado e cobertura polipropileno. O titular da Coordenadoria de Compras, Walter Arbo, explica que, devido ao novo sistema de

informações do Tribunal de Contas do Estado (TCE), o LicitaCon, que exige o acompanhamento do processo de licitação de obras de órgãos públicos em todas as fases do processo, há uma certa demora para o início da obra. “Mas acreditamos que a ordem de serviço seja dada já na próxima semana e a partir daí a empresa tem oito dias para iniciar a obra”.

4

Rede de fibra óptica deve ser instalada em Ijuí A partir do dia 15 de maio Ijuí começa a receber a instalação da rede de fibra óptica que levará aos usuários o sinal de TV a cabo, internet e telefone. A empresa que irá fazer a instalação, a Open TV Tecnologia, deve iniciar atuando em duas frentes, na Perimetral Norte e BR-285. Na última quinta-feira, o Executivo Municipal, juntamente com o diretor comercial da Open TV Tecnologia, Pedro Fontela, esteve na ACI para apresentar a proposta aos empresários do Município. Fontela explicou que a rede vai atender a toda a área urbana, em um primeiro momento, com prazo mínimo de cinco anos para finalização da implantação. A rede, segundo ele, será instalada aproveitando a estrutura das empresas de energia, sendo implantada junto à rede elétrica do Município. A Open TV Tecnologia está inserida no Programa Nacional de Banda Larga, vinculado ao Ministério das Comunicações,

tendo obrigações no sentido de disponibilizar internet para toda a sociedade, especialmente a população de baixa renda. A empresa, que atua em toda a região, terá todo o seu faturamento em Ijuí, contribuindo, desta forma, para a arrecadação do Município. De acordo com o representante da empresa, a intenção é oferecer internet com velocidade de 40 mega bytes por residência, “entregando ao consumidor um serviço qualificado e que contemple o anseio da população, especialmente a menos abastada que têm dificuldades de acesso às ferramentas tecnológicas”. Durante o encontro, o prefeito Fioravante Ballin destacou que este é mais um compromisso que se concretiza. "Por meio do projeto Cidade Digital, o poder Público, em parceria com a iniciativa privada, estará disponibilizando uma ferramenta tecnológica para o acesso facilitado à rede mundial de computadores”.


Notícias

Jornal da Manhã

Sábado e domingo, 7 e 8 de maio de 2016

5

SUPERFATURAMENTO NO 25 DE JULHO

Caso segue sem resposta em todo País

Próximo de completar três anos só de denúncia, o caso de superfaturamento (também) na Escola Técnica Estadual 25 de Julho segue sem respostas. Depois que o tema (e no caso a própria escola) viraram denúncia nacional em reportagem reproduzida no programa Fantástico, da Rede Globo, os desdobramentos esmoreceram. Ainda ontem o Grupo JM conversou com a diretora da maior escola estadual da região da 36ª Regional de Educação (CRE), Maria Cleni Adams Holz, que revelou que ninguém na escola foi procurado ou notificado sobre possíveis novos desdobramentos do caso. "Enquanto gestora, não recebemos ninguém do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), nem do Ministério da Educação (MEC). Recebemos o pessoal no ano passado, ainda na gestão do professor Raimar Kuhn. Por enquanto não temos mais nada", contou a diretora. Na ocasião, segundo revelado pelo então di-

retor Raimar Kuhn, em julho do ano passado duas funcionárias do FNDE estiveram na escola, olharam, fotografaram e depois de duas horas foram embora. A reportagem ainda questionou a diretora sobre a condição de uso dos equipamentos que são investigados por superfaturamento. Dentre eles, está uma afiadora universal com preço de mercado em aproximadamente R$3 mil e etiquetada em R$72 mil. Segundo repassado pela diretora Cleni os equipamentos estão na escola, embora sem uso. "Todos os equipamentos que vieram via FNDE ainda se encontram na nossa escola. Nenhum foi retirado e até o momento não tenho encaminhamentos a respeito desses materiais", garantiu e ainda acrescentou: "Nós temos um equipamento da sala do laboratório de mecânica que está sendo usado. Enquanto outros nós não instalamos porque faltam peças, faltam manuais, enfim e outros que não têm utilidade na nossa escola".

Em contato com o, até então, responsável pelo inquérito civil público, Osmar Veronese, junto ao Ministério Público Federal, em Santo Ângelo, o Grupo JM obteve a informação, via assessoria, de que o documento não está mais no município das Missões. Ainda conforme explicação, o MPF, em Santo Ângelo, não possui "disparidade de decisões judiciais" já que tratase de uma licitação federal, via FNDE, em Brasília. Segundo repassado já há uma força-tarefa da Controladoria Geral de União (CGU) e da Polícia Federal para dar o encaminhamento ao processo investigatório. Por fim, a assessoria ainda citou o Caso 25 de Julho como "a ponta do iceberg", uma vez que problemas iguais ou maiores foram contabilizados em todo o País a partir de uma fraude na compra de pregões eletrônicos, onde diversas instituições foram contempladas com equipamentos, materiais e objetos supostamente superfaturados.

Afiadora universal foi etiquetada em R$72 mil

Ainda no ano passado o então diretor Raimar Kuhn falou a respeito do caso e dos equipamentos na Escola. Caso indefinido

cmyk


Jornal da Manhã

OPINIÃO

Sábado e domingo, 7 e 8 de maio de 2016

ÁGUA NO LEITE

O

preço dos produtos primários, que possuem pouco ou nenhum beneficiamento, são historicamente baixos no Brasil. Salvo alguns grãos como a soja, que possuem grande demanda por parte de investidores internacionais e, portanto, estão atrelados ao mercado financeiro, o valor pago por matérias-primas é, na maioria dos casos, baixo. A explicação para isso reside nos preços estabelecidos pelo mercado, que classifica os produtos primários como "de baixo valor agregado". Esta classificação está invariavelmente ligada à agricultura, e atinge inúmeros itens que saem do campo. Este é o caso do leite, cuja produção possui larga escala no Rio Grande do Sul. No ano passado, foram 4,6 bilhões de litros produzidos pelos pecuaristas gaúchos, alçando o Estado à segunda colocação entre os maiores produtores. O problema mais atual registrado na cadeia leiteira gaúcha é que, apesar Na prática, signide pertencer à lógica fica que os problede mercado, o leite mas que afetam o possui também uma leite prejudicam função social. Isso diretamente pecuporque 94% dos proaristas de baixa dutores são agriculrenda, que muitas tores familiares, e vezes não possuem 70% deles estão em segurança financeipequenas propriera para resistir às dades com até 14 intempéries vividas matrizes e produção pelo mercado. de, no máximo, 200 litros/dia. Na prática, significa que os problemas que afetam o leite prejudicam diretamente pecuaristas de baixa renda, que muitas vezes não possuem segurança financeira para resistir às intempéries vividas pelo mercado. Este fenômeno ficou claro durante a severa crise vivida pela pecuária leiteira gaúcha entre 2014 e 2015, quando nove edições da operação Leite Compensado descobriram inúmeros esquemas de adulteração do produto comercializado no Estado. O fato gerou uma crise de confiança no leite gaúcho, provocou o fechamento de grandes empresas do setor e deixou milhares de produtores sem pagamento pelo leite entregue à indústria. Como resultado, muitos pequenos pecuaristas deixaram a atividade, gerando a crise na oferta do produto observada nos últimos meses. Iniciando uma recuperação neste ano, o mercado sofre, agora, com a alta dos custos de produção. O dólar alto influencia o preço dos insumos para a formação de pastagens, encarecendo os investimentos necessários. O cenário é ainda mais negativo em função do baixo preço médio pago aos produtores, que muitas vezes não conseguem nem mesmo cobrir os custos de sua produção. Enquanto isso, o preço do produto dispara nas gôndolas dos supermercados. Somente neste ano, os moradores de Ijuí tiveram de arcar com um aumento médio de 10,41% no preço de leite, sem entender quem está lucrando com essa inflação. Desta maneira, além de onerar os consumidores, o sistema estabelecido pelo mercado do leite está desestimulando a atividade e prejudicando o homem do campo.

Jornal da Manhã GRÁFICA E EDITORAJORNALÍSTICA SENTINELA LTDA. CNPJ: 87.657.854/0001-23

Fundado em 1º de Maio de 1973

ENTREVISTA Quais os principais riscos da automedicação? O medicamento é um instrumento que deve levar saúde à população e como tal deve ser estudado e pesquisado, ele deve ser produzido com esse objetivo, então se você faz uso de maneira errada de um determinado produto, que deve levar saúde às pessoas, ele não vai levar à saúde, vai levar à doença. Isso quer dizer reações adversas, como efeitos colaterais, que o uso de medicação não está cumprido com a função de levar eficácia. Essas situações que a gente trabalha para organizar a assistência farmacêutica, ou seja, a assistência farmacêutica entendida nessa concepção de organização, ela não vem só para entregar o medicamento para o usuário, ela vem para dar uma série de instruções para que ele use o medicamento de forma correta. A farmácia pública pode ser considerada um dos principais meios dessa distribuição de medicamentos de forma não organizada? A farmácia pública vem no sentido de ampliar que a população tenha acesso a esse medicamento, então quanto melhor for organizado esse processo e o serviço público de distribuição desse medicamento, melhor é o acesso da população a esse medicamento. Por isso que uma das diretrizes do SUS determina que a distribuição desse medicamento deve ser feita de forma descentralizada, ou seja, quanto mais perto estiver da população que usar esse medicamento, melhor, para ser melhor atendida, para não sair do seu território. Se ela vai ser atendida em uma unidade próxima à sua residência, ela não pode sair dali para ir a outro local retirar o medicamento. Então, quanto melhor organizar essa distribuição de medicamentos, mais eficaz vai ser o uso desse medicamento. Porque, uma pessoa que tiver que sair de seu território (bairro) para ir até outro retirar o seu medicamento, ela vai pensar duas vezes e interrompe o tratamento, o que acaba sendo um efeito indesejado, é uma não adesão ao tratamento. Quais os principais avanços que já foram obtidos para minimizar a automedicação? Temos resultados impressionantes na literatura médica do uso inadequado de medicamentos e isso a grosso modo, o segundo motivo de causa de internação em hospitais é o uso inadequado de medicamentos. O paciente que poderia ser tatrado com medicamento ele interrompeu o tratamento, não tomou mais aquela medicação ou então terá que tomar outro porque a infecção piorou o que será mais gasto para o serviço público, tudo isso é dispendioso, porque se está reproduzindo um tratamento que poderia ter sido tratado com o uso correto da medicação. O uso inadequado de medicamentos é um dos pontos principais de abordagem dos gestores. Essa distribuição deve estar organizada para custar menos para a saúde, para que essas duplicações de atendimentos não sejam efetivas é preciso ter uma distribuição organizada. A gestão organizada de distribuição de medicamentos em farmácias, tanto públicas quanto privadas, ocorre efetivamente? Então, ela não acontece. Nem no setor público e nem no setor privado. Nós temos situações diferentes tanto em uma quanto em outra. Temos, em ambas as modalidades de distribuição, a obrigatoriedade deva presença de um farmacêutico para orientar isso. O que acontece hoje é que depois de o médico prescrever um medicamento, que esse usuário vai atá a farmácia buscar o medicamento, ninguém mais sabe o que acontece com esse usuário.

Diretor: Edmundo H. Pochmann Editora: Jocelaine Simão redacao@jornaldamanhaijui.com

Rua Albino Brendler, 122 Centro - 98700-000 IJUÍ/RS Cx. Postal 518 - (55)3331-0300

cmyk

6

Jornal da Manhã: (55) 3331-0300 atendimento@jornaldamanhaijui.com Rádio JM: (55) 3331-0301 radio@jornaldamanhaijui.com

Manoel Roberto da Cruz Santos Farmaceutico, consultor do Ministério da Saúde e consultor do Departamento de Assistência Farmacêutica e Insumos Estratégicos (DAF) Não se tem retorno se o usuário usou corretamente esse medicamento, se o medicamento que foi receitado cumpriu seu papel, se ele seguiu o tratamento até o término, se seguiu a prescrição. Ninguém acompanha isso. Quem deveria acompanhar, dentro de um sistema de saúde organizado, caso essa pessoa more perto de uma unidade de saúde ou farmácia, seria desejável que um profissional de saúde acompanhasse o uso desse medicamento. Isso não acontece e está longe de acontecer. Há países que já têm esse sistema de informações de acompanhamento. Há uma grande discordância de farmácias de unidades de saúde ter enfermeiros para fazer a distribuição de medicamentos. Defende-se que essa distribuição deva ser feita exclusivamente por farmacêuticos. Qual é a opinião do senhor sobre essa questão? O MS não pode ter posição corporativa, mas como determinantes da política de saúde, devemos garantir que ele esteja na ponta do serviço de saúde, que esteja próximo da população que vai utilizar o medicamento. Quem determina se esse medicamento vai estar descentralizado é a política de saúde, é a secretaria de saúde, é ela que vai determinar que esse medicamento deve ser descentralizado, porque as diretrizes do SUS preveem isso. Aí se tem uma correlação de forças que regulam as profissões, os conselhos regionais, o CRF determina que onde tiver um medicamento, deve ter um farmacêutico responsável. Aí se tem um problema que não se consegue contratar farmacêuticos porque se tem compromisso fiscal nas gestões públicas. Quando não se tem o farmacêutico para fazer essa distribuição, o gestor deve retirar o medicamento daquele local porque se não vai ser multado pelo conselho. Aí começa a centralizar a distribuição desse medicamento, o que vai contra os princípios do SUS. É uma contradição grande. E isso pode ser resolvido, não em curto prazo, mas em longo prazo. Acredito que os gestores devem dialogar com os conselhos regionais para que se chegue a um ponto bom. Que se faça um plano de gestão para que nos anos seguintes se tenha a possibilidade de ter esse profissional para se fazer o serviço e vai se desenvolvendo esse plano para, que o mínimo, esse medicamento esteja sob a guarda de um farmacêutico.

Representantes Comerciais: Grupo de Diários

Impressão em Off-Set Rotativa Cia de Arte CNPJ 92.107.978/0001-75 Rua Albino Brendler, 146 - IJUÍ/RS (55) 3331-0318 | 3331-0320 (após às 18h)

www.jmijui.com.br

grafica@jornaldamanhaijui.com

ASSINATuRAS E CIRCuLAÇÃO: (55) 3331-0315 | 3331-0316 3331-0317 Semestral: R$ 200,00 Anual: R$ 400,00 Correio: R$ 390,00 (semestral); R$ 780,00 (anual)


Notícias

Jornal da Manhã

Sábado e domingo, 7 e 8 de maio de 2016

EDUCAÇÃO

Escolas participam de projeto ambiental

A Associação Ijuiense de Proteção ao Ambiente Natural (Aipan) desenvolve o projeto Cultura socioambiental em duas comunidades escolares de Ijuí. A primeira atividade aconteceu na noite de ontem, integrando as apresentações em homenagem ao Dia das Mães, na Escola Municipal Fundamental Tomé de Souza. Na ocasião, o grupo de alunos que participaram das Oficinas de Dança também realizaram sua apresentação. Esta atividade une seis ações do plano de trabalho, da segunda etapa do projeto. As atividades aconteceram no pátio interno da escola. Na tarde de hoje, as atividades do projeto acontecem na Escola Otávio Caruso Brochado da Rocha, integrando as comemorações da semana de aniversário da Escola. Intitulada de Trilha dos Sentidos, é aberta à participação de toda a comunidade, no pátio interno da escola. De acordo com a secretária da Aipan, Vera Silva, o projeto foi elaborado no final de 2012 para participar de um edital da Secratria Estadual de Cultura, sendo selecionado, por meio do qual a Associação se tornou um ponto de cultura de educação ambiental do RS. A partir da seleção, o projeto

Escola desenvolve gincana de desafios matemáticos O Dia Nacional da Matemática foi comemorado ontem, data que homenageia Malba Tahan, notório matemático, escritor e educador brasileiro. A nível nacional, a então deputada Raquel Teixeira foi a responsável por apresentar um projeto de lei, em 5 de maio de 2004, para instituir o Dia Nacional da Matemática. O objetivo era que o Ministério da Educação e da Cultura incentivasse atividades culturais e educativas nessa data. A proposta de Raquel determinava um momento para refletir a educação matemática, incentivando os professores e estudantes a cultivar a cultura e o saber. Apenas em 26 de junho de 2013 a presidenta

da República, Dilma Rousseff, sancionou a lei n° 12.835, que instituiu, oficialmente, o Dia Nacional da Matemática, que deve ser comemorado anualmente em todo o território nacional em 6 de maio. Com o intuito de pensar a Matemática de uma forma diferente, estimular uma visão mais lúdica para o ensino, a concentração, a organização e o respeito às regras, a professora desta disciplina, na Escola Municipal Fundamental Estado do Amazonas, Naira Kuchak, elaborou uma gincana de desafios matemáticos aos estudantes do educandário. As atividades envolveram os alunos do 5º ao 9º ano, no turno da manhã, ontem.

Projeto foi apresentado na noite de ontem, na Escola Tomé de Souza

tem sido desenvolvido nas duas instituições e inclui diversas oficinas em períodos diferentes, dentre elas, separação de resíduos, vivências com a natureza, compostagem, poda e identificação de árvores. De acordo com Vera, a Escola Tomé foi escolhida pela parceria que tem com a Associação há sete anos em função da oficina de papel reciclado desenvolvida

pela instituição. O edital prevê 36 meses de duração do projeto, dividido em três etapas. A primeira foi desenvolvida em 2014, a segunda teve início em abril de 2015 e encerra-se em junho próximo, concluindo 15 meses. A terceira etapa também terá duração de 15 meses e inicia-se após o término e prestação de contas de segunda etapa.

MEC lança novo sistema de avaliação O Ministério da Educação (MEC) aprimora o processo de avaliação do ensino com a criação do Sistema Nacional de Avaliação da Educação Básica (Sinaeb). A iniciativa permite aos gestores de educação locais ir além da análise da aprendizagem dos alunos. O novo sistema amplia os indicadores educacionais e possibilita às escolas melhorar a gestão, diminuir as desigualdades no ensino e investir na formação docente. A portaria que cria o Sinaeb foi assinada na quinta-feira, pelo ministro da Educação, Aloizio Mercadante. “Até então, a avaliação da educação era só aprendizagem e fluxo (aprovação e abandono escolar); agora, vai incluir governança, incorporar os indicadores internacionais e formação docente”, adiantou Mercadante. Na prática, o Sinaeb corrige as desigualdades na avaliação educacional. O sistema inclui a análise da universalização do atendimento escolar, a valorização dos profissionais da educação e a gestão democrática, além de indicar caminhos de superação das

7

Estudantes do 5º ao 9º ano se envolveram nas atividades, na manhã de ontem

Professores têm acesso a novos conhecimentos A 36ª Coordenadoria Regional de Educação realizou, na manhã de ontem, um encontro de formação continuada para os professores da área da Matemática das escolas de sua abrangência. O objetivo do encontro foi promover a reflexão e socialização de práticas matemáticas buscando o desenvolvimento de estratégias didáticas por meio de oficinas presenciais e a distância. A pauta da formação incluiu a apresentação do curso de formação, objetivos e cronograma de estudos para o ano de 2016, apresentação da temática das atividades a distância do módulo 2 e

fórum interativo, sistema de certificação, ambiente virtual Moodle e a construção da Base Nacional Curricular em relação ao ensino e aprendizagem da Matemática. As assessoras pedagógicas responsáveis pelo encontro, Raquel Taís Breunig e Rúbia Dallabrida Herrmann, reiteraram a importância dessa formação e da participação dos envolvidos para o aperfeiçoamento profissional, pois oportuniza o acesso a novos conhecimentos, a integração, a socialização, o planejamento e a troca de experiências entre colegas da área.

Mercadante participou do lançamento do Sinaeb, em solenidade no Inep

dificuldades educacionais. Por meio do Sinaeb, as escolas passam a ter retorno dos microdados do Censo da Educação Básica de forma direcionada para que saibam como estão seus estudantes. “Isso permite um avanço na autoavaliação e no processo de aprimoramento da escola, considera as condições em que o aprendizado se deu”, afirmou

o ministro. O sistema também trará inovações no cálculo do índice de desenvolvimento da educação básica (Ideb). Além de avaliar o acesso dos alunos à escola e à aprendizagem, o Ideb vai fazer uma análise mais profunda, que leva em conta a evolução das notas entre as séries do Ensino Fundamental de uma escola.

CRE promoveu a formação para os professores de Matemática

cmyk


Notícias

Jornal da Manhã

Sábado e domingo, 7 e 8 de maio de 2016

8

PREVENÇÃO

Índice de suicídios na região preocupa O alto índice de suicídios dentro da região de abrangência da 17ª Coordenadoria Regional de Saúde (CRS) levou o órgão a apresentar uma proposta de prevenção ao prefeito Fioravante Ballin, na última semana. Acompanhado da secretária municipal de Desenvolvimento Social (SMDS), Neiva Agnoletto, o prefeito recebeu o representante do Centro de Valorização da Vida (CVV), João Regis da Silva, para a apresentação do serviço de autoajuda, sem fins lucrativos, que trabalha na prevenção de suicídio. A pauta do encontro foi a possibilidade de instalação do CVV em Ijuí. Participaram do encontro a coordenadora de saúde mental da 17ª CRS, Loureliz Scherer, e a estagiária de psicologia da Sociedade Educacional Três de Maio (Setrem), Charlie Paulina Ody. A proposta deverá ser apresentada aos demais municípios. O CVV, uma associação civil sem fins lucrativos, filantrópica e reconhecida como de Utilidade Pública Federal, oferece serviço voluntário e gratuito de apoio emocional às pessoas que querem e precisam conversar sobre suas dificuldades e problemas. O serviço é oferecido em todo o País, mas no Estado já

há disponibilidade de uma linha gratuita, pelo número 188, atendimento 24h por dia, em que a pessoa que necessita de ajuda ou orientação pode ligar e conversar sobre aquilo que lhe causa algum tipo de desconforto ou depressão. De acordo com Loureliz, o RS lidera o ranking de números de suicídios no País, enquanto que o Brasil está em 8º lugar no mundo. A cada 24h, três pessoas cometem suicídio, e cinco em cada dez pessoas já pensaram em cometer suicídio. Para a coordenadora, esses dados são impressionantes e preocupantes, principalmente se considerado que 90% dos casos podem ser prevenidos, desde que trabalhados. “A ideia é trazê-los para falar com profissionais e a intenção é ter um posto em Ijuí ou na região. A partir da vinda deste representante, vamos articular um curso para os profissionais da regional sobre o trabalho de prevenção, porque o índice em nossa região está muito alto”, afirma. Ele acentua que se trata de um problema difícil e que muitas pessoas não têm coragem de falar, mas que é preciso chamar para o debate. Loureliz conta que a instalação do CVV não tem custos, apenas necessita

Representante do CVV, João Regis da Silva, apresentou a proposta de trabalho aos profissionais da 17ª

de um espaço cedido por algum órgão e de pessoas voluntárias que estejam dispostas a ouvir quem necessita. É mantido o anonimato e os voluntários não precisam ser profissionais da saúde, mas todos receberão capacitação para a prestação do serviço. “A pessoa que está pensando em suicídio demonstra que está triste, que não está satisfeita, que está muito atarefada, reclama com facilidade de coisas da vida,

diz frases como ‘se eu morresse ninguém sentiria minha falta’, cancela matrículas na faculdade, não sente vontade de trabalhar, perde o sentido de viver, se isola”, explica. “O que é característica do suicídio é depressão, é um indício forte. A Organização Mundial da Saúde (OMS) coloca que a depressão aumentou em 716% nos últimos anos, as pessoas estão mais deprimidas e isso é preocupante”, finaliza.

Profissionais do SUS recebem orientação sobre halitose Na última terça-feira, profissionais odontólogos da rede municipal da saúde de Ijuí receberam o diretor técnico da Hality, Marcelo Saldanha, no SUS, com o objetivo de

trocar informações sobre a cromatografia gasosa, exame que é responsável pelo diagnóstico da halitose. Saldanha abordou a importância deste tipo de exame para a sociedade e também para

os profissionais de saúde. No Brasil, pesquisas revelam que aproximadamente 30% da população sofre com este problema, com base nos dados daOrganização Mundial da Saúde (OMS). Segundo Saldanha, a halitose não é apenas uma doença, mas “pode denunciar a ocorrência de algum problema de saúde, o que pode sinalizar a alteração fisiológica ou algo no organismo que está em desequilíbrio, devendo ser identificado através de um correto diagnóstico”, acrescenta. A halitose é um problema de saúde com consequências sociais, morais e psicoafetiva e pode ser de origem local, fisiológica, sistêmica.

Marcelo Saldanha abordou o tema com profissionais do SUS, no início desta semana

Os profissionais também discutiram a dificuldade de diagnosticar um paciente que

sofre de mau hálito, tendo na cromatografia gasosa um auxílio para um melhor resultado.

Provas de tiro de laço prosseguem hoje, com R$ 15 mil em premiações

cmyk


Notícias

Jornal da Manhã Sábado e domingo, 7 e 8 de maio de 2016

MISSÃO NA ALEMANHA

Grupo conhece tecnologia de administração europeia

O grupo de administradores, empresários, professores e outros profissionais participaram da Missão Técnica partiu da Alemanha no domingo, dia 1º de maio, mais especificamente na cidade de Hannover. A Missão Técnica à Alemanha foi coordenada pelo Conselho Regional de Administração do Rio Grande do Sul (CRARS) e coordenação técnica do administrador Erlo Adolfo Endruweit, presidente da DeulaBrasil, de Ijuí. No primeiro dia de Missão, a comitiva participou de uma palestra sobre a situação na Alemanha em função da imigração, aonde mais de 1,5 milhão de refugiados chegaram nos últimos anos. Berlim, por exemplo, quer acelerar as expulsões de imigrantes sem status de refugiado e dificultar o reagrupamento familiar.

Feira Industrial de Hannover 2016: Indústria Integrada, Descubra Soluções

A Feira Industrial de Hannover 2016 foi aberta na noite de domingo e encerrou-se na sexta-feira, apresentando as novidades da indústria e suas tendências. O tema Indústria Integrada, Descubra Soluções, é explorado por diferentes setores, inclusive, pela Administração. Como uma das maiores feiras industriais do mundo, ela é especializada em automação

industrial, técnica de superfície, energia, microtecnologia, pesquisa e tecnologia. No primeiro dia de evento, houve uma ampla discussão sobre a importância da energia solar. Na Alemanha, país que tem como meta gerar energia elétrica 100% limpa, a energia eólica está começando a perder espaço para a solar, uma vez que os cata-ventos interferem na migração dos pássaros.

9

Encontro define ações sobre energia em Ijuí Na última semana, o Conselho de Consumidores de Energia se reuniu para tratar sobre diversos assuntos do setor. Conforme informações do presidente do Conselho de Consumidores de Energia do Demei, Arno Feigel, o encontro é realizado mensalmente. Um dos assuntos tratados nesta reunião foi a avaliação do exercício do conselho, as despesas e também as aprovações. "São várias preocupações em nível da Aneel, inclusive em relação ao que vai acontecer sobre a energia elétrica no Brasil todo. Um dos assuntos tratados foi acerca de um encontro estadual, que teremos no dia 3 e 4 de junho, e gostaríamos da presença da Aneel, mas em função da contenção de despesas da empresa, ela não virá ao RS", explica De acordo com o presidente, são assuntos importantes, em função também, do próprio realinhamento de preço de energia, que vai ter agora no mês de junho ou julho e também as bandeiras tarifárias. Sobre o futuro da energia no

Arno Feigel

País, Feigel comenta que acredita que as multinacionais continuarão dominando o cenário energético. "As pequenas usinas não têm mais espaço, cada vez mais as multinacionais estão maiores e tomando conta do mercado e isso nos preocupa, porque no momento em que as pequenas usinas fecharem, vão colocar os seus preços, e o Brasil terá que pagar", finaliza.

cmyk


Notícias

Jornal da Manhã

Sábado e domingo, 7 e 8 de maio de 2016

10

CADEIA LEITEIRA

Preços atrapalham produção O Rio Grande do Sul é referência na produção de leite no País. Segundo dados da Embrapa, a bacia leiteira cresceu 75% no período de 1990 a 2009 no Estado. Com 4,7 bilhões de litros produzidos no último ano, a produção gaúcha é a segunda maior do País, perdendo apenas para Minas Gerais. Neste contexto, a bacia leiteira da região Noroeste é uma das mais significativas, com cerca de 13% das propriedades leiteiras do Rio Grande do Sul, em um volume de produção estimado em 1,5 milhão de litros por dia. Apesar de todo o potencial, os menores ganhos na cadeia do leite são registrados justamente nas propriedades. O baixo preço pago aos produtores pelo leite tem dificultado a viabilidade em alguns casos. É o caso da agricultora Marlene Preissler, da Linha 3 Leste, interior de Ijuí. "Recebo, em média, R$ 0,87 por litro, o que é um absurdo. Pelo gasto que tenho no trato com os animais não compensa. Com o mínimo de R$ 1,00 por litro daria pra equilibrar um pouco as contas, porque dá para mesclar o trato caseiro com a compra de insumos. Mas da forma como está o preço, realmente não compensa", lamenta Marlene. A escalada dos preços do leite, em função de aspectos como entressafra e baixa oferta, anunciados pela indústria, não tem sido vista na prática pela agricultora. "A gente tem escutado a respeito desse aumento de preços, mas nunca chegou uma proposta maior até nós". O calote aplicado nos pecuaristas por empresas do setor leiteiro no ano passado também é um

Produção leiteira tem se tornado inviável por causa dos baixos preços pagos pelo produto

fator que dificulta a subida dos preços, pois os produtores optam por firmar acordo com empresas de confiança, mas com baixos preços, ao invés de apostar em propostas mais altas, mas que representam riscos. "Muitas empresas vêm com a proposta de aumentar o preço, depois somos procurados por outros com propostas ainda maiores. Mas existem muitos produtores que venderam com preço bom e até hoje não receberam um centavo. Eu mesmo já vendi muito leite para a Promilk (empresa do setor lácteo que faliu em 2015) e perdi

em torno de R$ 6 mil, porque não recebi nada. Agora temos contrato com uma empresa que opera aqui em Ijuí, e estou recebendo direitinho, apesar de o preço ser muito baixo", explica a produtora. Com uma produção de 100 litros/dia, Marlene Preissler afirma que só não larga a atividade por uma questão de tradição. "A indústria quer acabar com o pequeno produtor, querem ficar só com os grandes. A gente, porque não quer perder aquele ritmo de lidar com as vacas, não deixa a atividade. Mas a verdade é que não dá mais".

Custos de produção elevados limitam lucros O produtor Adriano Tiecher, também do interior de Ijuí, da localidade da Linha 4 Leste, está mais otimista no que se refere aos preços pagos pela indústria. "Hoje o valor que recebo deve estar em torno de R$ 1,10, e vem melhorando a cada mês. Esse aumento que vem sendo falado não está no nível que a indústria anuncia, mas a tendência é de que os valores para o produtor melhorem", explica. Tiecher também observa que, diante dos calotes registrados por muitos produtores de leite no último ano, o produtor fica receoso em aceitar ofertas mais altas de empresas com as quais não possui vínculos. Esse fato, conforme o pecuarista, contribui para que os preços pagos ao produtor não sejam maiores, já que o poder de barganha diminui. "Também não há muitas empresas procurando o produto como havia antigamente, e isso tira nossa capacidade de negociar preços mais altos", avalia. Os custos de produção, porém, se configuram atualmente no maior gargalo para o crescimento da lucratividade no campo, afirma o produtor ijuiense. "O custo das pastagens ultimamente, principalmente os insumos, como ureia e outros fertilizantes, está muito alto. Acredito que isso tem influência da alta do dólar, o que é complicado por uma conjuntura maior. Até o preço das sementes, em decorrência de no ano passado ter havido uma safra frustrada, está muito alto. O preço das forrageiras

cmyk

Custos com insumos, fertilizantes e medicamentos têm tornado mais difícil a produção leiteira

disparou neste ano, o que dificulta a produção", afirma Tiecher. A mão de obra também é citada por Adriano como um fator de alto custo, junto com o preço de medicamentos e lonas para silagem que, nos últimos três anos, tiveram inflação próxima de 30%. Mesmo diante de alta nos custos que não acompanha o preço pago pelo produto, os pecuaristas são cada vez mais exigidos no quesito qualidade do leite entregue às

indústrias. Desde as seguidas adulterações no produto gaúcho, descobertas entre 2014 e 2015, as empresas que compram e as que recolhem o leite nas propriedades têm feito exigências cada vez maiores. "No nosso caso de Ijuí, como temos indústria aqui no município há uma relação mais tranquila. Mas não há dúvida de que existe uma preocupação maior, o produtor precisa ter mais cuidado com a higiene e o transporte é mais criterioso".

Nilton Kasctin dos Santos Promotor de Justiça

As mulheres e as mães Quem já não ouviu dizer que “por trás de um grande homem sempre há uma grande mulher”? Com o advento da chamada “libertação feminina”, o provérbio ficou assim: “ao lado de um grande homem sempre há uma grande mulher”. Outro dia já ouvi que essa grande mulher não está “por trás”, nem “ao lado”, mas “na frente de um grande homem”. Acredito que a pessoa que disse essa frase pela primeira vez não estava se referindo às esposas, amigas ou secretárias, mas à única categoria de mulher que é capaz de influenciar de fato na vida de qualquer tipo de homem, de fazê-lo mudar de opinião para melhor com facilidade, de moldar seu caráter: a mãe. É claro que as mulheres em geral podem ajudar um homem a tomar decisões acertadas na hora certa, pois todas elas são dotadas de uma capacidade especial de discernir o futuro, o que os homens não têm. E não se trata de poder de adivinhação, mediunidade ou vidência; é apenas algo que mistura racionalidade e emoção, uma coisa na verdade inexplicável denominada “sexto sentido”. Certa vez, precisando de um empregado para nosso sítio, contei à minha esposa sobre a ideia de contratar um senhor que me foi recomendado por pessoas sérias em razão do seu impecável histórico de vida. A Mágida não o conhecia, mas chegou a mudar o semblante quando viu o homem chegando em nossa casa para trabalhar. Nunca vou esquecer as palavras dela: “esse homem vai nos incomodar, não quero que trabalhe um só dia pra nós”. Fiquei perplexo com tão veemente oposição. Argumentei que o homem era cristão - e dos fervorosos, parecia -, mas ela continuou: “mande esse homem embora, por favor”. Insisti, e ela então silenciou (sem concordar, é claro). Contratei o sujeito. Meses depois, embora trabalhando muito pouco e ganhando acima da média de qualquer trabalhador dessa área, o homem abandonou o serviço e ajuizou a ação trabalhista mais injusta do mundo contra mim, baseado em provas falsas. Mas a Mágida até hoje não sabe por que “não foi com a cara dele”. Muito menos eu. As mulheres não são fantásticas? Ai do marido que não escutar a esposa antes de fazer um negócio! Contudo, embora todas as mulheres tenham essa capacidade de influenciar, de ajudar um “grande homem” - ou qualquer homem - a tomar decisões ou manter-se em determinada posição social, só uma delas é capaz de formar, de estruturar o seu caráter. A mãe. Secretária eficiente, amiga ou esposa podem lapidar ou falquejar um pouco o caráter de um homem. Podem até tornar-se responsáveis pelo seu sucesso político, intelectual ou financeiro, contribuindo para torná-lo grande nesse sentido. Podem fazer com que o homem se mantenha em posição de destaque. Mas jamais poderão tocar na estrutura da personalidade, do caráter do homem, jamais poderão mudar-lhe a essência ôntica. Influenciar a ponto de fazer um homem grande no que diz respeito ao ser, ao caráter, ao espírito, isso é tarefa que Deus delegou com exclusividade às mães. Tem mais. É comum encontrarmos um homem normal decepcionado com a namorada, a esposa, a secretária ou a sogra. Mas jamais encontraremos esse homem decepcionado com a mãe. O ensinamento que a mãe passa ao filho nunca é apenas uma lição; vem sempre misturado com fragmentos da alma. O conteúdo educativo passado ao filho sempre leva um pouco da vida da mãe a amalgamar-se à do filho, o que não ocorre em relação às outras mulheres. Por isso ouso transmudar o dístico para: “na vida de um grande homem e de uma grande mulher sempre há uma grande mãe”. Parabéns a todas as mães!


Notícias

Jornal da Manhã

Sábado e domingo, 7 e 8 de maio de 2016

11

INFLAÇÃO

Aumento do leite é maior para o consumidor

A captação de leite no campo teve a maior queda em nove anos. Com a redução da oferta, o preço para o produtor teve a alta mais intensa em seis anos. A pesquisa é do Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea), ligado à USP. De fevereiro para março, o Índice de Captação de Leite do Cepea caiu 7,35%. Foi o início do período de entressafra. O preço pago ao produtor aumentou 5,86% no mês passado. “Além do período de entressafra, muitos produtores já estavam adiantando a secagem das vacas em meses anteriores, o que limitou ainda mais a oferta de leite em março. Entre os Estados acompanhados nesta pesquisa, Minas Gerais registrou a maior queda na captação, de 8,8%, seguido por Goiás (8,36%), Paraná (7,66%), São Paulo (7,43%), Bahia (6,25%), Rio Grande do Sul (5,45%) e Santa Catarina (4,75%).” – diz a análise do Cepea.

Este fenômeno resultou, conforme o Conseleite, em uma escalada dos preços pagos pelo litro do produto nas propriedades. O preço de referência projetado para abril é de R$ 0,9809, valor 3,63% maior do que o consolidado de março, que ficou em R$ 0,9466. O valor fechado de março já ficou 0,89% acima do projetado (R$ 0,9383). Segundo o professor da UPF Marco Antônio Montoya, apesar dos valores estarem acima dos registrados no mesmo mês de 2015, nominalmente (descontando a inflação), os preços estão estáveis e, inclusive, com tendência de queda. “O leite referência está acima do nível de anos anteriores, mas isso não quer dizer que está cobrindo os custos de produção”, ponderou. O presidente do Conseleite, Jorge Rodrigues, pontuou que o setor está entrando em um dos períodos de maior dificuldade produtiva, em função do momento reprodutivo dos animais e da

Produtores buscam unificar preço mínimo No final de 2015, a Federação dos Trabalhadores na Agricultura (Fetag) encaminhou ao Conselho Estadual do Leite (Conseleite) pedido para que o preço de referência da entidade, calculado mensalmente, seja transformado em preço mínimo do leite no Rio Grande do Sul e que, com isso, ninguém possa pagar ao produtor um valor inferior. "A Fetag entende que não pode existir três valores, mas sim um mínimo e a partir dele ocorra as bonificações das indústrias. Hoje, as empresas grandes buscam produtores fortes e pagam mais, em detrimento dos pequenos, que acabam sendo alijados do processo. Queremos evitar que milhares de produtores saiam do processo produtivo", justificou o presidente da entidade, Carlos Joel da Silva.

Balanço anual divulgado pelo Conselho Paritário do Leite, órgão ligado ao Conseleite, indica que 2015 foi de retração de preços e dificuldade ao produtor e à indústria. Em valores corrigidos pelo IPCA, o preço do litro do leite referência caiu 8,5% no último ano, passando de R$ 0,9286, em 2014, para R$ 0,8492, em 2015. A análise também mostra aumento da produção de leite em pó nas indústrias gaúchas. Em 2015, o produto absorveu 35,23% do leite captado no Estado, valor que, em 2008, era de apenas 10%. Por outro lado, houve uma redução da fatia de leite UHT, que passou de 60% (em 2008) para 49,4% (em 2015). "O leite em pó se pode estocar. Dá uma vida maior ao mercado", afirma o presidente da Fetag.

situação das pastagens. “Vai ter um aumento de preços nos próximos dias, mas isso não representa um grande reajuste. Significa, sim, a recuperação de valores perdidos”, pondera Rodrigues. Já o vice-presidente da Fetag, Nestor Bonfanti, credita também a alta do preço pago ao produtor em decorrência da exclusão de milhares de famílias no Estado, já que a produção não atende a demanda das indústrias, bem como os transportadores que alegam prejuízo no recolhimento do leite em rotas com poucos produtores. Além disso, continua o dirigente, a época é de renovação de pastagem. Alguns dados mostram a disparidade que há entre a alta de preços pagos nas propriedades e o valor do leite e derivados que chegam ao consumidor. Em menos de dois meses, o preço do litro de leite Longa Vida subiu quase 15% nos supermercados do Rio Grande do Sul. Pesquisa da Associação Gaúcha

Preço do leite disparou nos supermercados de Ijuí, com alta de 10,41% em 2016

de Supermercados aponta preço médio de R$ 2,65. Conforme o Laboratório de Economia Aplicada do curso de Ciências Econômicas da Unijuí, o preço do leite e derivados subiu 1,92% nos supermercados

de Ijuí. Em 2016, o preço dos produtos lácteos na cidade subiu 10,41%. Nos últimos 12 meses, a inflação do grupo de produtos já chega a 17,30%, conforme os dados divulgados pelo boletim da cesta básica da Unijuí.

PL estabelece nova política de preços Um problema enfrentado há décadas por pequenos e médios produtores de leite em várias regiões do país - a queda acentuada dos preços do produto nos períodos de safra - pode estar perto de ser superado. Projeto de lei, aprovado pela Comissão de Agricultura e Reforma Agrária (CRA) no mês de abril, autoriza o Executivo a incluir o leite na pauta dos produtos amparados pela Política de Garantia de Preços Mínimos (PGPM). O texto (PLC 215/2015) determina a alocação de recursos nas leis orçamentárias anuais visando cobrir os gastos decorrentes da inclusão do leite na política de preços mínimos. A proposta foi aprovada em reunião comandada pela senadora Ana Amélia (PP-RS), presidente da CRA, que apoiou a iniciativa. Segundo ela, a iniciativa é fundamental, especialmente para os pequenos produtores. O Rio Grande do Sul, lembrou a parlamentar, é o

Proposta foi discutida em audiência publica realizada em Ijuí no ano passado

segundo Estado maior produtor de leite. Ano passado a CRA debateu o tema em audiência pública realizada em Ijuí. Em seu relatório, o senador Donizeti Nogueira (TO) afirma que a medida dará maior segurança para os pequenos produtores. Segundo ele, a atividade leiteira, em que pese a recente

tecnificação alcançada pelos produtores, continua vulnerável a fortes oscilações dos preços do produto final, colocando em risco o desenvolvimento de toda a cadeia produtiva. O texto, de autoria do deputado Raimundo Lopes (MG) segue para a Comissão de Assuntos Econômicos (CAE).

RS ganhou lei para qualificar transporte

Atualmente, preços pagos estão divididos em três faixas distintas

Depois de nove edições da operação Leite Compensado, que denunciou subsequentes adulterações do produto por parte de transportadores, o Rio Grande do Sul ganhou, em dezembro do ano passado, uma lei que regulamenta produção, transporte e venda do produto. A principal mudança é a necessidade de transportadores serem cadastrados e vinculados a

indústrias. A sanção da lei, ocorrida em janeiro deste ano, previu que para fornecer leite cru, as propriedades precisam estar com os cadastros atualizados no Departamento de Defesa Agropecuária da Secretaria, devendo estar regularizadas e com as obrigações sanitárias estabelecidas pela legislação vigente. "Nos preocupamos em fazer

um trabalho que contemple todas as etapas, dando maior segurança tanto ao produtor quanto ao consumidor e elaboramos esta legislação juntamente com as entidades, para preservar os bons produtores e indústrias", diz o secretário da Agricultura, Ernani Polo. A secretaria, em parceria com demais entidades, trabalha no cadastramento dos produtores.

cmyk


Notícias

Jornal da Manhã

Sábado e domingo, 7 e 8 de maio de 2016

12

CÓDIGO DE TRÂNSITO BRASIEIRO

Usar o celular já é infração gravíssima

Motoristas que forem flagrados conduzindo com o uso do celular já estão passíveis de uma maior punição no trânsito. Foi publicada no Diário Oficial da União, na última quintafeira, a lei que aumentou a rijidez em dezenas de artigos no Código de Trânsito Brasileiro. Entre elas, é a penalidade maior para o uso de telefone celular ao volante, atitude que passa a ser considerada gravíssima se o condutor estiver segurando ou manuseando o aparelho. "Se observar o trânsito como

um cidadão comum se observa a gama de motoristas que utilizam esse equipamento enquanto dirigem. Obviamente essas pessoas não têm noção do risco que elas estão correndo, além de estarem colocando os outros. A consciência de alguns motoristas, infelizmente, parece estar não na cabeça, mas sim no bolso", entende como uma medida positiva o inspetor-chefe da Polícia Rodoviária Federal, em Ijuí, Edmilso Schopf. Em nível de Polícia Rodoviária Federal, no entanto, o

responsável pelo policiamento rodoviário da região pontua o fato de ser uma infração mais fácil de mascarar e ainda lembra a postura dos motoristas de uma maneira geral. "Muitas vezes essa infração é um pouco difícil de ser flagrada onde nós temos aquela prática errônea do motorista que quando passa por viaturas, avisa o outro motorista através do sinal de luz da presença da fiscalização", atribui. Dentre os outros pontos reajustados, destaque para o aumento no rigor contra condutores que rejeitarem o teste do etilômetro, onde a multa passa a valer R$1,9 mil, e em caso de reincidência no período de 12 meses, a penalidade será aplicada em dobro.

Uso do celular ao volante teve o ajuste sancionado e publicado no DOU

Multas de trânsito sofrerão reajuste A Lei 13281/16 publicada na quinta-feira no Diário Oficial trouxe várias mudanças no Código de Trânsito Brasileiro (CTB). Entre elas está o reajuste das multas por infrações de trânsito. A infração gravíssima que antes tinha multa no valor de R$ 191,54, passará a ter o valor de R$ 293,47 a partir de novembro. Já as multas por infração grave passarão para R$ 195,23, anteriormente o valor era de R$ 127,69. Para infração média as multas passarão de R$ 85,13 para R$ 130,16. Já as infrações leves que antes tinham o valor de multa de R$ 53,20 passarão a valer R$ 88,38. Desde a entrada em vigor do CTB as multas não eram reajustadas. Para Celso Alves Mariano, especialista em trânsito e diretor do Portal, esse reajuste não deve influenciar na segurança do trânsito. “Quem está cometendo a infração, sabe que tem

cmyk

A partir de novembro as multas passam por ajuste nos valores

a punição e R$ 100, a mais ou a menos, não há de ser um motivo forte o suficiente para que o cidadão mude seu comportamento. Faria diferença se acompanhando o aumento das multas viesse mais fiscalização, mais processos educativos e mais efetividade na

aplicação das penas para quem é condenado, por exemplo. Simplesmente reajustar, é necessário, mas não garante nada”, explica. Os valores serão reajustados anualmente a partir dessa alteração. A medida entra em vigor em novembro.


Notícias

Jornal da Manhã

Sábado e domingo, 7 e 8 de maio de 2016

MICROEMPREENDEDOR INDIVIDUAL

Empresários tiveram acesso a oportunidades

13

Município recebe obras de pavimentação A equipe do Grupo JM esteve em contato com o secretário de Desenvolvimento Urbano, Obras e Trânsito de Ijuí, Ubiratan Erthal, que comentou sobre os trabalhos de pavimentação que estão sendo realizados nesta semana. De acordo com o secretário, uma empresa que é do setor da licitação está fazendo a camada asfáltica. "Os trabalhos estão sendo feitos entre a Rua do Comércio e a Sergipe. A obra da Rua Goiás e próximo ao Ginásio Municipal também será concluída, estávamos esperando a conclusão dos trabalhos de drenagem, que estavam sendo realizados pelo Demasi", explica. Sobre outras obras, Bira destaca que está sendo aguardado o acabamento asfáltico nas ruas 19

de Outubro e Bento Gonçalves. "Após esses trabalhos será implantada a ciclovia e o sistema binário, que já foi definido em reunião com moradores da região e também com o prefeito e lideranças locais". O secretário afirma que é uma expectativa que a secretaria tem, para que consiga esse retorno ainda no primeiro semestre. Ubiratan Erthal diz que ontem a equipe realizou uma operação tapa-buracos nas ruas centrais, onde foram utilizadas 10 toneladas de concreto. Para finalizar, Bira ressalta que está em fase de término a pavimentação do passeio público na Rua Benjamin Barriquelo, somente aguardando medição da Caixa Econômica Federal.

Semana teve palestras e apresentou modelos de crédito aos empresários

Nesta semana, o Sebrae realizou a 8ª Semana do Microempreendedor Individual (MEI). Desde atendimentos, capacitações, palestras e assessorias gratuitas demonstraram como os pequenos negócios podem dar certo. A mobilização ocorreu em todo o Brasil e teve como finalidade auxiliar os empreendedores em seus projetos pessoais. De acordo com a gestora da unidade de Ijuí, Andreia Edilene Message, a Semana, desenvolvida em todo o País, teve qualidades diferenciadas no Município. “A programação foi intensa, realizamos cerca de 420 atendimentos para esse público”. Durante a semana foi desenvolvida a palestra de empreendedor individual, oficinas de declaração, “foram momentos em que o empresário veio até o Sebrae, fez a sua declaração de rendimentos do ano anterior e participou de uma capacitação, focada em como ele pode melhorar a parte de compras da empresa”. Na quinta-feira, o Sebrae ainda realizou um seminário de microcrédito, “que contou com a participação de quatro agências bancárias, onde os empreendedores puderam conhecer as linhas de crédito”.

Nesta edição, a 8ª, Andreia avalia que a participação foi positiva. “Tivemos uma grande procura dos microempreendedores e eles puderam acessar vários serviços que são oferecidos no Sebrae de uma forma bem direcionada”. Além da semana voltada especificamente para auxiliar os microempreendedores, o Sebrae realiza, durante todo o ano, o trabalho de orientação aos empreendedores. Andreia explica que o atendimento é feito de maneira

diferenciada, com dias específicos para cada atendimento. “A cada 15 dias nós temos a palestra do empreendedor individual, onde tiramos as dúvidas de quem deseja fazer a sua formalização”. Em 2015, o Sebrae realizou 9.835 atendimentos, para microempreendedores individuais foram 6.301. Apenas no início desse ano já foram 4.593 atendimentos, desses 3.618 são de MEI. A unidade do Sebrae de Ijuí atende cerca de 25 municípios.

cmyk


Notícias

Jornal da Manhã Sábado e domingo, 7 e 8 de maio de 2016

CENÁRIO POLÍTICO

PSDB debate ações para eleições O deputado federal Nelson Marchezan Júnior esteve ontem em Ijuí para participar de um encontro entre os presidentes do PSDB da região. Entre os assuntos debatidos pelas lideranças, destaca-se o cenário político nacional, as eleições de 2016 e o fortalecimento do PSDB regional. Em entrevista ao Grupo JM, o deputado gaúcho Nelson Marchezan frisou que concorda irrestritamente que o presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha, perca o seu mandato. “No caso do Eduardo Cunha é uma situação de exceção, nós temos o presidente da Câmara, que é um deputado corrupto, que não pode representar a sociedade brasileira. Ele usa o seu cargo e o prestígio para fazer negócios. Já está provado que têm dezenas de contas no exterior. Cunha já

Lideranças do PSDB estiveram reunidas com o deputado Marchezan Júnior

deveria ter perdido o mandato e isso deveria ter ocorrido através do Conselho de Ética”, ressalta Marchezan Júnior, frisando que “é justo que ele perca o mandato, o problema é que não pode, e que também causa estranheza, é o Judiciário um poder de pessoas que foram indicadas ou que passaram em um concurso, retirar de uma estrutura pública onde quem

Setor da Indústria cobra de Temer medidas O presidente da Associação Brasileira da Indústria de Máquinas e Equipamentos (Abimaq), Carlos Pastoriza, foi recebido pelo vice-presidente da República, Michel Temer. O encontro contou com a presença do presidente da Frente Parlamentar da Indústria de Máquinas e Equipamentos (FPMaq), deputado Jerônimo Goergen (PP-RS), e também os deputados Alceu Moreira (PMDB-RS), Mauro Pereira (PMDB-RS) e Baleia Rossi (PMDB-SP). Destaque ainda para a participação do presidente da Associação das Empresas Cerealistas do Brasil (Acebra), Arney Frasson. No encontro, Pastoriza apresentou a Temer a pauta do setor industrial para a recuperação da grave crise que atinge

o segmento. O dirigente pediu a Temer a redução da máquina pública com o corte de ministérios. No entanto, ele defendeu a manutenção das pastas da Agricultura e Indústria e Comércio. Na avaliação de Pastoriza, Temer terá pouco tempo para mostrar a que veio. O presidente da Abimaq acredita que o futuro presidente da República terá “uma janela” de confiança de 90 dias para promover as mudanças necessárias. Já o presidente da FPMaq, deputado Jerônimo Goergen (PPRS), entende que não há espaço para aumentos de impostos na futura administração. “Foi ponderado a ele (Temer) que a elevação de tributos não seria aceita pela sociedade. E ele deixou claro o esforço total para que isso não aconteça”, destacou.

Empresários estiveram reunidos com o vice-presidente Michel Temer

cmyk

está lá tem um mandato e que representa milhares de pessoas, nada pode ser mais importante na estrutura pública que o voto, por pior que seja o seu representante, há outras formas de tirar. Não estou defendendo o Eduardo Cunha e sim o voto. Essa decisão quebra a inconstitucionalidade”, justifica o deputado. Ele defende a realização de

novas eleições para o cargo de presidente da Câmara após o Supremo Tribunal Federal (STF) ter decidido suspender Eduardo Cunha (PMDB-RJ) do mandato de deputado federal e do comando da Casa Legislativa. "O Waldir Maranhão (PP-MA) não tem condições de presidir a casa, é necessário uma nova eleição", salienta.

Terra está otimista com resultado no Senado Em entrevista ao Grupo JM o deputado Osmar Terra (PMDBRS), que votou pela aprovação do processo de impeachment da presidente Dilma Rousseff destacou que os parlamentares expressaram a vontade da sociedade brasileira e a indignação com a depredação dos recursos públicos. "Estamos sem governo. A economia está se deteriorando em uma velocidade muito grande, as políticas públicas estão sem recursos, a derrota do governo aconteceu devido à falta de governabilidade e perda da credibilidade da presidente”, ressalta o deputado, frisando que “a saída da presidente Dilma não é obra do deputado Eduardo Cunha, ele apenas cumpriu a expectativa que a sociedade tem, não podemos mais continuar com essa tragédia econômica, o desemprego piorando cada vez mais". A partir da nova etapa que se inicia no Senado Federal, Osmar Terra está otimista com o resultado."Temer terá que dar uma resposta impactante, fazendo uma grande coalizão nacional, reunindo as forças políticas, todos os partidos. Ele precisará ter uma proposta muito forte na área econômica para reverter estes créditos. O problema e o maior erro do governo é o descrédito. Ele terá que reverter isso e realmente mostrar resultados neste período e acredito que ele fará isso". Ao ser questionado sobre assumir o Ministério do Desenvolvimento Social (MDS) caso

Osmar Terra

a presidente Dilma Rousseff seja afastada pelo Senado, ele disse que neste momento pode apenas adiantar que irá colaborar no que for necessário. Se for confirmado à frente da pasta, Terra, que já foi secretário de Saúde do Estado, responderá pelo programa Bolsa Família, principal vitrine eleitoral dos governos petistas. As negociações para compor a Esplanada de Temer continuarão até a próxima semana, na votação da abertura do processo de impeachment de Dilma. “Precisamos ensinar a pescar, e não somente dar o peixe, é necessário trabalhar para que as pessoas não fiquem o resto da vida dependente do Bolsa Família e que possam construir o seu futuro de uma forma de empreender”.

14

ALEXANDRE GARCIA Jornalista

TROCANDO OS SINAIS Cobri o impedimento de Collor e agora acompanho o processo de impeachment contra a presidente Dilma. Sinto que a História se repete. A mesma causa: o chefe de governo resolve governar sem diálogo com o Congresso Nacional e quando a crise aperta no campo econômico, não há como resolvê-la pela via política, já que os caminhos estão cheios de obstáculos. Nem Collor conseguiu projetar no Congresso a maioria que o elegeu, nem Dilma conseguiu pactuar sequer com sua base aliada. Nem mesmo com o seu próprio partido, que sempre se queixou de ser desprezado pela presidente. Imaginem o que dizer do principal partido aliado, o PMDB, relegado a um plano abaixo do queixoso PT. Dilma e seus seguidores, na falta de argumentos para contrapor à verdade contábil das pedaladas e das aberturas de crédito sem a devida autorização legislativa, alegam que se trata de um golpe. Nada como recordar aqui aquele ano de 1992, em que o PT foi o principal ator no impeachment de Collor. O pedido entrou no início de setembro e antes que o mês terminasse, Collor já estava afastado da Presidência. Sob a mesma Constituição que hoje preside o processo contra Dilma. Processo que já tem cinco meses, orientado pelo Supremo e com direito de defesa em cada fase. Collor, mesmo tendo renunciado durante o julgamento no Senado, não conseguiu evitar a condenação que o afastou por oito anos de cargo público. Denunciado por crime comum ao Supremo, foi absolvido. Hoje, o Procurador Geral da República se prepara para denunciar Dilma ao Supremo. Na Câmara e no Senado, vê-se uma tropa de choque na defesa barulhenta de Dilma, tendo por método uma espécie de vale-tudo. Collor tinha também uma tropa de choque em sua defesa, conduzida por Roberto Jefferson, com José Carlos Martinez, Ney Maranhão, Cleto Falcão, Renan Calheiros, Gastone Righi - metade deles já mortos. Dilma tem um núcleo na Câmara que a defendeu mais que os petistas, formado pelo PSOL e o Partido Comunista do Brasil. No Senado, estamos vendo agora Lindberg Farias, Gleisi Hoffmann e Fátima Bezerra, do PT e Vanessa Grazziotin, do PC do B, a levantar a voz, quando já não há argumentos. Desde sempre, a minoria procura compensar a falta de votos pelo volume da voz. Já a voz das ruas foi eloquente. Collor não ouviu as ruas, ou não as entendeu. Dilma repetiu o erro e só agravou sua queda de popularidade e aprovação. Agora o PMDB, que sempre gostou do poder, assume a presidência pela segunda vez. A primeira foi com Sarney. Tentou com Ulysses duas vezes: na primeira, ele perdeu para o General Geisel; na segunda, perdeu para Collor. Com Euler Bentes, perdeu para o General Figueiredo; com Quércia, perdeu para FHC. Com Rita Camata vice de Serra, perdeu para Lula. Com Temer, acompanhou Dilma na eleição e reeleição. Por último, faltou lembrar, nessas recordações, que o PT propôs e agitou as ruas por impeachment de Sarney, de Itamar e duas vezes, de FHC. Sempre que fora do poder, quis impeachment do presidente. E nunca era golpe.


Notícias

Jornal da Manhã Sábado e domingo, 7 e 8 de maio de 2016

PROCESSO

Comissão do Senado aprova abertura de impeachment A comissão especial do Senado aprovou ontem o relatório a favor do processo de impeachment da presidente Dilma Rousseff. Foram 15 votos a favor e cinco contrários ao parecer do relator, o senador Antonio Anastasia (PSDB-MG), que aponta a existência de elementos suficientes para a petista ser afastada e julgada por crime de responsabilidade. O presidente da comissão, Raimundo Lira (PMDB-PB), não votou sob a alegação de que, pelo regimento,só deveria se manifestar em caso de empate. O resultado era previsível diante da minoria governista de apenas cinco membros no colegiado. Durante os trabalhos, autores da denúncia e a defesa de Dilma foram ouvidos, além de especialistas a favor ou contra o impeachment. A votação foi eletrônica, mas antes os líderes puderam se posicionar. "O impeachment é um remédio amargo para punir o mau governante com seu afastamento", afirmou o senador Ricardo Ferraço (PSDB-ES), pela oposição., A petista Gleisi Hoffmann (PR) rebateu: os que votam a favor, segundo ela, são "golpistas da Constituição". Discurso seguido pelo líder do governo, Humberto Costa (PT-PE). "Não há crime cometido pela presidente. O relator teve que se armar de uma lupa, fazer contorcionismo

Comissão do impeachment no Senado aprova relatório contra Dilma jurídico", afirmou. A presidente Dilma é acusada de editar, em 2015, decretos de créditos suplementares sem aval do Congresso e de usar dinheiro de bancos federais em programas do Tesouro, as chamadas "pedaladas fiscais". Agora, o caso vai ao plenário do Senado na próxima quartafeira. São necessários os votos da maioria dos presentes na sessão para que o relatório seja aprovado e Dilma afastada por até 180 dias. Até agora, 51 dos 81 senadores já se manifestaram a favor da abertura do processo. Confirmado o resultado em plenário, o próximo passo é o processo contra Dilma. Nesta etapa, exigese o mínimo de 54 votos para afastála definitivamente do cargo até agora, 41 declararam voto neste sentido.

Temer pode ser primeiro presidente ficha-suja Após ter sido condenado na última terça-feira pelo Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo (TRE-SP) por ter doado dinheiro a campanhas acima do limite legal em 2014, o vice-presidente Michel Temer (PMDB-SP) se tornou ficha-suja e está inelegível pelos próximos oito anos, informou a promotora de Justiça eleitoral Claudia Ferreira Mac Dowell. A sanção não impede que Temer assuma a presidência em eventual impeachment da presidente Dilma Rousseff (PT), segundo ela. De acordo com o TRE-SP, se Temer vier a ser candidato essa situação vai ser analisada no momento do pedido do registro. Se ele não se candidatar, nada acontece. O plenário do TRE-SP negou recurso do Ministério Público Eleitoral (MPE), que queria aumentar para R$ 160 mil a multa aplicada no final do ano passado contra Temer

por ele ter feito doações acima do permitido para uma pessoa física. Em votação unânime, o Tribunal manteve a decisão anterior, de 2015, que havia fixado em R$ 80 mil o valor dessa multa. Temer pode recorrer ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) ,em Brasília, para deixar de pagar a multa, mas ele já está inelegível, segundo a promotora. De acordo com o site da Procuradoria Regional Eleitoral no Estado de São Paulo (PRE-SP), Claudia é promotora eleitoral da 5ª Zona Eleitoral. "Ele fez isso como pessoa física. Poderia ter doado no máximo 10% dos rendimentos brutos do ano anterior", disse Claudia . “Ele pode assumir a presidência, mas fica na situação inédita de ser o primeiro presidente ficha-suja da história do País, impedido de se candidatar a qualquer cargo público nos próximos oito anos.”

Em nome da bancada do PMDB, partido do vice Michel Temer, o senador Waldemir Moka (MS) defendeu o parecer de Anastasia na comissão especial. "Não nos cabe alternativa a não ser votar pela abertura do processo", disse. Como nos demais dias de comissão, deputados favoráveis ao afastamento da presidente apareceram para assistir aos trabalhos. A abertura do processo foi aprovada na Câmara, no dia 17 de abril, com 367 votos. Sóstenes Cavalcante (PSDRJ) e Marcos Rogério (DEMRO) estiveram no colegiado e gravaram vídeos. Um dos principais articuladores do impeachment, o senador Romero Jucá (PMDBRR), que deve ser ministro do Planejamento de um eventual governo de Temer, também compareceu

15

Força-tarefa da Lava Jato denuncia ex-senador O Ministério Público Federal (MPF) denunciou ontem ,em Curitiba, o ex-senador Gim Argello, o empresário Ronan Maria Pinto, o ex-tesoureiro do Partido dos Trabalhadores (PT) Delúbio Soares e nomes ligados às maiores empreiteiras do País Marcelo Bahia Odebrecht e Léo Pinheiros, da OAS, por suposto envolvimento em crimes investigados pela Operação Lava Jato. São duas novas denúncias relacionadas aos esquemas de corrupção, desvio e lavagem de dinheiro na Petrobras que atingem 20 suspeitos. Cabe ao juiz federal Sérgio Moro, responsável pelas ações penais da Lava Jato, aceitar ou não as denúncias. Caso isso ocorra, todos se tornam réus. Na primeira, que engloba Argello, o ex-senador deve responder por crimes como lavagem de dinheiro, corrupção, organização criminosa e obstrução à investigação. O MPF pede confisco de R$ 7,5 milhões, € 200 mil mais R$ 70 milhões, correspondentes ao dobro

da propina exigida. Mais dez pessoas foram denunciados, incluindo nomes ligados às maiores empreiteiras do Brasil, como Odebrecht e OAS. O nome de Gim Argello apareceu nas delações do senador Delcídio do Amaral (sem partido-MS), que está em prisão domiciliar, e do dono da UTC, Ricardo Pessoa. O ex-senador foi preso durante a 28ª fase da Lava Jato e indiciado pela Polícia Federal pelo crime de corrupção. O Ministério Público Federal (MPF) diz que há evidências de que o ex-senador pediu R$ 5 milhões em propina para a empreiteira UTC Engenharia e R$ 350 mil para a OAS. Em troca, ele barraria a convocação de executivos das empreiteiras para a CPMI que investigou o esquema de corrupção na Petrobras - as duas empresas são investigadas na Lava Jato. Os recursos foram enviados a partidos indicados por Gim – DEM, PR, PMN e PRTB – na forma de doações de campanha.

Gim Argello foi preso na 28ª fase da Lava Jato

"Não vejo relação", diz Lamachia O presidente da Ordem dos Advogados do Brasil saudou a decisão do ministro do Supremo Tribunal Federal Teori Zavascki de afastar Eduardo Cunha da Câmara Federal. Em entrevista coletiva na sede da seccional da entidade em Porto Alegre, Cláudio Lamachia lembrou que a OAB encaminhou em fevereiro deste ano ofício ao ministro relator da Lava Jato no STF pedindo afastamento de Cunha da presidência da Câmara, em função das manobras que vinha fazendo para retardar a tramitação do seu processo no Conselho de Ética. "O fato de ele ser afastado agora não vejo relação direta com processamento de impeachment da presidente da República" avalia Lamachia. Lamachia também comentou sobre o tempo que Teori levou

para decidir sobre o afastamento de Cunha. Disse que "o Direito" tem seu tempo, mas que certamente permitiu a ele "mais chances de manobrar a seu proveito". O presidente da OAB aproveitou para adiantar que a entidade vai lançar uma campanha para o voto consciente. "Se as pessoas olharem a figura de Eduardo Cunha, elas vão pensar melhor na hora de votar", diz Lamachia. Lamachia disse que "o Brasil está na UTI" e somente o voto consciente vai tirá-lo. Perguntado se a OAB agirá com Renan Calheiros como agiu com Eduardo Cunha, pedindo seu afastamento da presidência, e Dilma Rousseff, pedindo o impeachment, justificou. "Ele não é réu", afirmou. O STF ainda não recebeu denúncia contra Renan Calhei-

Cláudio Lamachia

ros na Lava Jato, por isso ainda não é réu. Ele é investigado em inquérito.

cmyk


Esporte

Jornal da Manhã

Sábado e domingo, 7 e 8 de maio de 2016

16

Grupo busca corrigir os erros O São Luiz realizou um treino tático em campo reduzido ontem à tarde no Estádio 19 de Outubro. O técnico Jair Galvão trabalhou a marcação individual e depois os jogadores treinaram finalização. Os zagueiros participaram de uma atividade de bola aérea defensiva. Corrigir os erros cometidos na derrota de 3 a 1 para o União Frederiquense na última quartafeira é a palavra de ordem. Hoje o elenco trabalha em dois turnos se preparando para enfrentar o Esportivo na próxima quartafeira na Baixada. O Rubro folga na segunda rodada da segunda fase da Divisão de Acesso. O técnico Jair Galvão deverá promover mudanças praticamente em todos os setores para buscar a reabilitação. O goleiro Guilherme pode ganhar a posição de titular de Josemar Sherek. Na zaga Catatau tem chances de começar como titular no lugar de Douglão e no ataque não está descartado o aproveitamento de Ferreira ao lado de Gilmar Couto, com a saída de Vinicius Chimbica.

Renato Marsiglia renato.marsiglia@tvglobo.com.br

São Luiz realizou um trabalho tático ontem no Estádio 19 de Outubro. Time precisa da reabilitação quarta-feira contra o Esportivo

O lateral direito e meia Diogo Fernandes que sofreu uma lesão no tornozelo e no joelho esquerdo na partida contra o Caxias pela primeira fase tem suspeita de ruptura no menisco lateral e muscular da tibia conforme o próprio jogador. O atleta pensou que a lesão no tornozelo iria afastá-lo dos gramados por 10 ou 15 dias, mas agora esta contusão

no joelho foi uma surpresa, ele já tinha sentido a dor e achou que não iria ser problema. Após um treinamento sentiu a fisgada. Depois de avaliar o laudo da ressonância magnética que sai na próxima quarta-feira terá uma posição."É chato sentir a lesão neste momento importante, a segunda fase do Campeonato", comentou Diogo. O médico

Armindo Pydd afirmou que ainda não viu o exame do atleta e terá uma posição nos próximos dias. Quem passou por cirurgia recentemente foi o volante Maiquel. O jogador que veio do Glória de Vacaria e sofreu lesão no joelho na pré-temporada no amistoso contra o Inter-SM realizou cirurgia em Caxias do Sul com o médico Aloir Oliveira.

Jogo de líderes da chave D no Estádio Centenário Os líderes do grupo D da segunda fase da Divisão de Acesso se enfrentam hoje às 15h, no Estádio Centenário. Caxias e União Frederiquense venceram de goleada por 3 a 0, seus jogos de estreia nos pentagonais. O atacante Nicolas foi relacionado pelo técnico Beto Campos no time grená. Ele fraturou duas costelas em uma dividida com o goleiro

Josemar, do São Luiz, na 11ª rodada da primeira fase. A dúvida do treinador é quanto ao aproveitamento do atacante Jajá, que sentiu uma fisgada no músculo posterior da coxa direita. Caso não tenha condições, Dinei assume a titularidade com Nicolas na reserva. O União deve ter praticamente a mesma base que goleou o São Luiz na última quarta-feira.

Divisão de Acesso segunda rodada dos pentagonaissegunda fase - Hoje,7.5. Estádio Montanha dos Vinhedos-Esportivo x Tupi-apito de Vinicius Amaral-15h Estádio Centenário-Caxias x União-apito de Eleno Todeschini-15h Estádio Edmundo Feix-Guarani-VA x Avenida-apito de Douglas Silva-15h30 Estádio Silvio Farias-São Gabriel x Pelotasapito de Lucas Guimarães Horn-16h Repescagem-jogo de volta

Hoje,7.5 Santa Cruz x Santo Ângelo-apito de Anderson Farias-15h30 Classificação - Grupo C Brasil-Fa e Pelotas, 3 pontos 3º)Guarani-VA e Avenida, 0 ponto O São Gabriel ainda não estreou nesta fase Grupo D 1º) União Frederiquense e Caxias, 3 pontos 4º) São Luiz e Tupi, nenhum ponto O Esportivo ainda não estreou nesta fase

Ijuí Drones tem jogo decisivo hoje no Poliesportivo O Ijuí Drones tem uma decisão hoje às 14h30 no Complexo Poliesportivo. A equipe enfrenta o Bento Gonçalves Snakes, pela Conferência Oeste do Campeonato Gaúcho de Futebol Americano. O confronto será o último das duas equipes nesta fase. Não haverá cobrança de ingresso. As duas equipes têm duas derrotas e uma vitória e quem vencer avança para a próxima etapa seguindo vivo na busca do Gigante Bowl. Quem perder será eliminado. O Head Coach do Ijuí Drones Eduardo Mundstock não tem problema de lesão ou suspensão no time. Os últimos treinamentos serviram para corrigir erros, aperfeiçoar virtudes e estudar bastante o adversário deste sába-

cmyk

do. "A ansiedade é grande. Estamos preparados para enfrentar mais um desafio", comentou o técnico. Ele disse que o duelo já é um play-off dentro da fase de grupos. O plano de jogo já está definido. A partida marca o reencontro do Ijuí Drones com o torcedor local depois da boa vitória do início de março diante do Bulldogs-VA por 85 a 0. O Bento Gonçalves Snakes do experiente técnico Gustavo Rech, ex- Caxias Gladiators não poderá escalar um titular importante da sua equipe. O Running Back Jailson sofreu uma lesão muscular na vitória de 31 a 0 contra o Buldogs-VA e desfalca a equipe serrana. O clube, estreante na competição, comemora o fato de chegar

à última rodada da primeira fase com chances de classificação. Gustavo tem ao seu lado a assistente Daiane Gomes. A linha defensiva é um dos pontos fortes do

time. A final do Campeonato Gaúcho de Futebol Americano será no dia 18 de junho às 18h, no Estádio Beira-Rio. O atual campeão gaúcho é o Juventude FA.

Ijui Drones precisa da vitória hoje diante do Snakes para avançar no Campeonato

O PREPARO FÍSICO DO GRÊMIO Recebi do leitor Airton Poll, de Santa Cruz do Sul, um longo e interessante e-mail, contestando o desgaste do time do Grêmio nesta reta final de Gauchão e Libertadores. Pondera que jogadores da NBA disputam 82 jogos na temporada regular (fora os play-offs). Seleções de basquete e vôlei treinam pela manhã em dia de jogos à noite, sem contar os tenistas que fazem partidas de quatro horas em dias subsequentes. A PROPÓSITO.. Tudo isto é verdade. Todavia devemos considerar que nos casos citados, todos os times e jogadores têm este desgaste. No futebol, se um time tem excesso de jogos ou logística mal executada e outro fica descansando, isto acaba tendo consequências. Por outro lado, reitero a frase já colocada neste espaço do ex-treinador Evaristo de Macedo: "o que cansa jogador não é o que ele faz dentro de campo". CURTINHAS... * O noticiário é pequeno para Inter x Juventude. A vitória colorada em Caxias do Sul, parece ter esfriado o interesse geral, menos para os colorados. Eu não diminuo o Gauchão. Faz parte de nossa cultura e fortalecer o futebol do interior é fundamental até para a dupla Gre-Nal. * Corinthians perdeu cinco decisões de mata-mata nos últimos dois anos, tudo dentro do Itaquerão. Estou esperando a manifestação dos paranoicos que vivem alardeando favorecimentos ao time paulista. * Adriano (ex-imperador), foi jogar em Miami num clube de segunda linha. No primeiro jogo, seu time levou 5 x 0 e ele pegou um avião para o Rio de Janeiro. Ameaça não voltar mais. Caso perdido !!! *Real Madrid confirmou na Champions. Atlético de Madrid vence Barcelona e Bayern de Munique e faz a segunda final em três anos. Acho que erguerão uma estátua de Diego Simeone na frente do estádio Vicente Calderón. * O centroavante argentino Centurión (São Paulo) foi expulso por disparar uma cusparada num adversário do Toluca. Pelo jeito, cuspir virou esporte nacional. Só falta me dizerem que o jogador mexicano atingido é "coxinha".


Jornal da Manhã

Sábado e domingo, 7 e 8 de maio de 2016

17

DOIS TOQUES

Gauchão conhecerá o campeão Carlos Alberto Padilha

esporte@jornaldamanhaijui.com VISITA- A presidente da Federação Gaúcha de Clubes Sociais, Esportivos e Culturais, (Federaclubes) Maria da Conceição Nogueira Pires prestigiou sábado em Ijuí a programação dos 118 anos da Sogi. Ela também participou de uma reunião com os clubes ijuienses e falou ao Jornal da Manhã. Como a Federação atua na área esportiva, ajudando na captação de recursos? Hoje nós temos uma representatividade em âmbito de Brasil que é a Confederação Brasileira de Clubes que por um trabalho intenso, fantástico, incentivador do esporte conseguiu em Brasília uma abertura para que se conseguisse recursos. Afinal de contas, o Brasil leva os atletas para fora e quem forma esses atletas? Muitas vezes o clube formador que trabalhou para essa iniciação não é lembrado.Por esse intermédio foi destinado 0.5% da arrecadação das loterias federais do Brasil para a Confederação Brasileira de Clubes dividir com os clubes formadores de atletas olímpicos e paralímpicos. O clube não pode fazer jus a qualquer verba se não para formar atletas olímpicos e paralimpicos. Isso não é sorteado, o clube tem que fazer um projeto de acordo com o que manda a Lei Pelé e esse projeto é analisado por uma equipe ampla do Ministério do Esporte e da diretoria da CBC e esses que tiverem seus projetos de acordo com o que necessário, recebem o valor que no mínimo é de R$ 100 mil. Tem clubes recebendo mais de dois milhões. Por isso estimulamos clubes a se associarem à CBC que só assim poderão ter direito a fazer seus projetos. Qual a sua expectativa sobre os Jogos Olímpicos? Quando se fala de esportes se esquece do resto. Acredito que no momento das Olimpiadas só vamos olhar as coisas boas do país. A estrutura para sediar a competição está bem organizada.

Inter e Juventude decidem amanhã às 16h no Beira-Rio o título do Gauchão 2016. O Colorado venceu por 1 a 0 no Alfredo Jaconi em Caxias do Sul, gol de Andrigo e leva vantagem. Empate ou qualquer vitória dá o o título ao time de Argel Fucks. Se o Juventude devolver o placar de 1 a 0, leva a decisão para os pênaltis. Qualquer outra vitória do time de Caxias do Sul é suficiente para reverter a desvantagem. O Inter não terá o atacante Vitinho, expulso no jogo de ida. Aylon será o substituto. O lateral Willian conseguiu efeito suspensivo e está à disposição. No lado do Ju retorna o lateral-direito Helder, que cumpriu suspensão. Morreu na manhã de ontem o ex-atacante do Internacional e Fluminense, Larry Pinto de Faria, aos 83 anos de idade. Larry estava internado desde o final de março com complicações deriva-

das de uma pneumonia. Nascido em Nova Friburgo em 3 de novembro de 1932, Larry começou a sua carreira no Fluminense, aos 19 anos. Foi campeão carioca de 1951 e da Copa Rio em 1952. Chegou no Internacional em 1954, e logo ganhou o apelido de “Cerebral”, pela sua técnica apurada e inteligência na posição de centroavante. No ano de sua chegada, Larry foi um dos principais jogadores em uma partida histórica para o Inter: o primeiro Gre-Nal do Olímpico, que acabou em 6 a 2 para o Inter com quatro gols seus. Larry foi campeão gaúcho pelo Inter em 1955 e 1961 e também levou o Pan-Americano de 1956 pela Seleção Brasileira, em um time que tinha base colorada. Marcou 176 gols com a camisa do Internacional, sendo o 6º maior artilheiro da história do clube. Em 2012, estrelou um do-

Larry Pinto de Faria morreu ontem

cumentário de 30 minutos onde contou suas lembranças com a camisa do Internacional. O velório está sendo realizado na Capela Nossa Senhora das Vitórias, no Estádio Beira-Rio. O funeral acontecerá hoje às 16h no Crematório Metropolitano Saint Hilaire, em Viamão.

JUVENTUDE

INTER

Elias; Helder Klaus Heverton Pará; Wanderson Itaqui (Bruno Ribeiro) Lucas Hugo; Dieguinho Roberson Técnico: Antônio Carlos Zago

Alisson; Paulo Magalhães Paulão Ernando Artur; Fabinho Fernando Bob Anderson Andrigo Sasha Aylon Técnico: Argel Fucks

Árbitro: Anderson Daronco. Os assistentes serão Rafael da Silva Alves e Júlio César dos Santos. Local: Estádio Beira-Rio, em Porto Alegre Data: 8.5.2016. Início:16h.

Associação Ijuí Futsal recebe o time de Cerro Largo A Associação Ijuí Futsal (AIF) está definida para o jogo de hoje às 20h no Ginásio de Esportes Wilson Mânica diante do Cerro Largo Futsal, pela quarta rodada do Estadual Série Bronze. O time ijuiense é o terceiro colocado da chave 2 com quatro pontos. O goleiro Maicon tem uma lesão muscular e desfalca o time. Ele passará por exames no início da próxima semana. Júnior que vinha sendo titular na pré-temporada será escalado.O técnico Jacques Schultz escala esta equipe: Júnior; Pablo, Maurício, Carlos Henrique e Ale. Quinta-feira a equipe treinou no Ginasião com ênfase para a marcação. O Cerro Largo Futsal tem uma equipe experiente com jo-

gadores que defenderam a Associação São Luiz Gonzaga e outras agremiações do Estado.

DE PRIMEIRA

Luiz x Cometa 2008 vermelho ; e infantil, São Luiz x Grêmio Dimicron.

COPA DUNGA A 19ª Copa Dunga de Futebol Sete para Menores tem a disputa destas partidas hoje a partir das 13h30 no campodoServiçoSocialdoComércio em Ijuí:mirim, GBM Clinison Rad x União FC; fraldinha,ACF Futsal x GBM Clinison Rad; infantil, União FC x Tio Mazzaropi; pré-mirim,ACF Farmed x Olinto de Oliveira; prémirim, E.C.Ijuí x ACF Casa do Lanche; e infantil,Escolinha do Sesc x ACF; campo da Associação Atlética Banco do Brasil (AABB), infantil , Cometa Branco x Grêmio Central Tur; pré-mirim,Grêmio Dimicron x Cometa Vermelho; prémirim,Cometa Branco x Grêmio Mareli; mirim, Grêmio Manjabosco x São Luiz Branco;fraldinha, São

O ingresso no Ginásio terá preço único de R$ 5,00. O árbitro principal será Edegar Frick; árbitro auxiliar: Luciano Maciel Ebbing;

anotadora,Jéssica Schein; cronometrista: Leonardo de Mello Balestieri; e delegado do jogo: Sérgio Lermen.

JOGOS 4ª rodada-chave 2 Hoje,7.5 a partir das 20h Palmeira Futsal x AMF (Marau) AIF (Ijuí) x Cerro Largo Futsal Jáqtáqvá (Chapada) x SERCCA (Casca) Guarani (Camargo) x Horizontina Classificação 1º) Cometa e SERCCA-6 pontos 3º) AIF, Horizontina e Guarani-4 pontos 6º)Jáqtáqvá, Palmeira Futsal e AMF-3 pontos 9º) Cerro Largo-0 ponto

MUDANÇAS NO GRÊMIO Rui Costa dos Santos não é mais o diretor executivo de futebol do Grêmio. O clube anunciou, em seu site oficial, a saída do dirigente, no início da tarde de ontem. Ele pediu demissão após a eliminação do Grêmio na Copa Libertadores da América, com a derrota de 3 a 0 para o Rosario Central. O vice-presidente de futebol César Pacheco também deixou o clube. Ontem na chegada da delegação torcedores protestaram contra jogadores e dirigentes.

JOGOS DO SESI A última rodada da segunda fase da modalidade futebol será disputada

Associação Ijuí Futsal enfrenta o Cerro Largo hoje à noite pela quarta rodada

hoje no Centro Esportivo do Serviço Social da Indústria (Sesi), em Ijuí. Serão definidos os classificados para as semifinais. Jogam pela chave E às 13h45, Soberana Alimentos e 3 Tentos; e chave D às 15h45,Manutec / Pré- Moldados Dreffs / EO da Silva /Ombu e Hoff Pneus/Star Gesso.

MUNICIPAL VETERANOS As equipes do Lambari e do Independência jogam amanhã às 15h, no campo do bairro Lambari, valendo pela segunda fase do Campeonato Municipal de Futebol Veteranos de Ijuí. O vencedor garante vaga nas semifinais. Esta partida deveria ter sido realizada no dia 24, mas não aconteceu devido a fatos antidesportivos nos jogos que o antecederam. Amanhã não haverá rodada do Municipal de Futebol Veteranos e Sênior em razão do Dia das Mães.

LIBERTADORES Um dia após as duas últimas partidas das oitavas de final, a Conmebol definiu ontem as datas e horários dos confrontos das quartas de final da Copa Libertadores. Duelo mais esperado pelos torcedores brasileiros, Atlético-MG e São Paulo se enfrentarão nas duas próximas quartas-feiras, às 21h45.Logo após a batalha entre os brasileiros, a entidade reservou para o dia 12 de maio o primeiro jogo entre Nacional x Boca Juniors, às 19h30, e Rosario Central x Atlético Nacional, às 21h45. Os confrontos de volta serão realizados no dia 19. Já as partidas entre Independiente del Valle e Pumas acontecerão nos dias 17 e 24 de maio. O Boca Juniors ficou com a última vaga nas quartas de final da Libertadores ao vencer o Cerro Porteño-PAR por 2 a 1, quinta-feira, em Buenos Aires.

cmyk


Notícias

Jornal da Manhã

Sábado e domingo, 7 e 8 de maio de 2016

18

MARCHA A BRASÍLIA

Prefeitos confirmam participação Na próxima semana, entre os dias 9 e 12 de maio, os gestores municipais das associações municipais estarão em Brasília para participar do maior evento municipalista da América Latina. A Marcha a Brasília em Defesa dos Municípios irá reunir prefeitos, vice-prefeitos e representantes do governo federal para debater os desafios do último ano de mandato. Dos prefeitos que integram a Associação dos Municípios do Planalto Médio (Amuplam), apenas seis representantes devem ir até Brasília. A prefeita de Catuípe, Ivete Burmann; o prefeito de Coronel Barros, Sênio Kirst de Ajuricaba, Airton Cossetin; de Bozano, Jederson Mori; de Nova Ramada, Hardi Eickoff e de Ijuí, Fioravante Ballin. A maioria dos representantes municipais deve, além de participar das plenárias da Marcha, irá

para visitar os Ministérios a fim de buscar recursos, questionar atrasos e solicitar investimentos nos municípios. Da Associação dos Municípios das Missões (AMM), todos devem participar do encontro. O presidente da AMM, Valdir Andres, afirma que apesar do clima tenso em Brasília, é fundamental a representação da região missioneira no evento. “Mesmo diante do impasse que atualmente envolve a comissão especial responsável pela análise do pedido de impeachment da presidente Dilma Rousseff, a Marcha é a oportunidade de que dispomos para somar esforços com prefeitos de todo o Brasil, no intuito de sensibilizar as bancadas federais a sancionarem programas que há tempos estão emperrados no Congresso Nacional”, contextualiza. Neste ano, a programação se concentra nos desafios enfrenta-

Sindicato não prevê recuperação de setor Desde o ano passado, quando o município de Panambi registrou um grande número de demissões no setor metalúrgico, até hoje ainda não houve recuperação dos postos de trabalho. O presidente do Sindicato dos metalúrgicos de Panambi, Jorge Martins, explica que muitas vezes não se consegue fazer o acompanhamento dos profissionais que saíram das empresas, principalmente aqueles que são de outros municípios. De janeiro até agora, o número de desempregados registrado no sindicato de Panambi já foi de 611. Para esse ano, ele acredita que a perspectiva ainda é baixa, “esperamos que no segundo semestre ela dê uma evoluída, temos essa expec-

tativa. As empresas continuam em um patamar de pouca demanda de faturamento, não tendo perspectiva de contratação de trabalhadores, salvo alguns setores pontuais”. Outro ponto que ele destaca, é o reajuste salarial, apesar de ainda não ter um calendário de negociações, Martins explica que, como encaminhamento de pauta é o índice do INPC, "que deve oscilar entre os 10%", a manutenção dos empregos, manutenção das cláusulas sociais e redução de jornada de trabalho para 40 horas semanais, também são reivindicações da categoria. A pauta foi determinada em abril e as negociações devem iniciar em maio com o sindicato patronal.

Famurs orienta sobre a legislação eleitoral Os agentes públicos dos municípios do interior do Estado estão recebendo a visita da federação por meio do seminário Famurs pelo Rio Grande. Os municípios têm recebido orientações sobre encerramento de mandato, processo eleitoral e condutas vedadas aos que pretendam concorrer na eleição de 2016. O seminário é realizado em parceria com o Tribunal de Contas (TCE) e com a União dos Vereadores do RS (Uvergs), e com o apoio da Confederação Nacional de Municípios (CNM).

cmyk

A reforma eleitoral foi aprovada no ano passado e será aplicada pela primeira vez em 2016. Dentre as principais mudanças estão o tempo de campanha, que diminuiu de 90 para 45 dias, o limite de gastos e o financiamento para candidaturas. Até 2015, o partido indicava quanto pretendia gastar, agora o Tribunal Eleitoral Regional fixou o teto de gasto de campanha. No Rio Grande do Sul, a maioria dos municípios possui até 10 mil habitantes e, por isso, os candidatos a prefeito podem investir até R$ 100 mil na campanha.

19ª Marcha deve debater desafios dos gestores para fechamento do ano

dos pelos gestores municipais no fechamento de mandato. Um dos painéis temáticos da Marcha irá trazer orientações para que a troca de gestão seja feita corretamente. Também haverá um espaço

de discussão da Pauta Prioritária junto ao Congresso Nacional, que deverá contar com a presença do presidente do Senado, Renan Calheiros, e do presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha.

Adesão ao CAR na região supera meta A Emater/RS-Ascar da região administrativa de Ijuí, que abrange 46 municípios dos Coredes Celeiro, Alto Jacuí e Noroeste Colonial, registrou, até a última quinta-feira, 4.080 Cadastros Ambientais Rurais (CARs), elaborados para 3.018 famílias desta região. O desempenho está acima da meta inicial para a região de Ijuí, que eraatender 2.764 famílias. Até o fim desta quinta-feira, os números registrados no Sistema de Planejamento (Sisplan) da Emater/RS-Ascar podem ser ainda maiores, de acordo com o assistente técnico regional de Manejos de Recursos Naturais, Dejair Burtet.

Ainda de acordo com Burtet, a instituição prioriza auxílio no preenchimento do CAR a agricultores beneficiados pelas chamadas públicas da Sustentabilidade e do Leite. Em Tapera, no Corede Alto Jacuí, por exemplo, o técnico agrícola Jair Ross informa que há um clima de tranquilidade no município. Até o momento, a Emater/RS-Ascar preencheu m Tapera 270 CARs. Outras instituições do município, como o Sindicato dos Trabalhadores Rurais,também têm orientado agricultores familiares no preenchimento do CAR no Sistema de Cadastro Nacional (Sicar).

Municípios devem entregar declaração Os Municípios que utilizam máquinas do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC 2) devem ficar atentos, pois termina do próximo dia 31 de maio o prazo para a apresentação da declaração anual de utilização do bem via Sistema Eletrônico (Sispac). Na página eletrônica do sistema, o gestor deve informar o código de sete dígitos do IBGE do Município e a senha padrão enviada pelo Ministério do Desenvolvimento Agrário aos municípios (MDA). Os dados serão verificados por meio de um código de segurança.

Em seguida, o cadastro será concluído com a inserção do número do Cadastro de Pessoa Física do prefeito e endereço de e-mail para envio da senha. O MDA alerta para a não utilização de endereço eletrônico do “Hotmail”, pois há um bloqueio para endereços do provedor responsável pelo envio da senha. Quando for recebida a senha, o gestor deverá acessar o endereço do Sispac, onde irá realizar a apresentação do relatório. A iniciativa visa a liberação dos encargos assumidos no Termo de Doação que será concedido após a entrega do terceiro relatório anual.

Emater / Ascar

CONSERVAÇÃO DO SOLO No dia 03/05/2016 comemoramos o dia mundial do solo, é importante fazer uma profunda reflexão a respeito do solo, pois é dele que o homem do campo produz o alimento tão essencial para nossas vidas. Assim sendo, a tarefa de preservar bem o nosso solo é dever de todo cidadão. É importante destacar que a formação ou a origem do solo, foi um processo lento, que levou milhares de anos. Para ter uma noção, apenas 1cm³ de solo leva em torno de 100 anos para se formar, daí sua importância para a humanidade. Mas afinal, o que é o solo? Na verdade, ele se constitui de minerais, oriundos da composição de rochas e também de matéria orgânica, que é um dos seus principais componentes e de relevante importância. Um solo de baixo percentual em matéria orgânica é um solo pobre, de baixo potencial produtivo. O solo agrícola que corresponde a uma camada de apenas 20 a 30 cm de profundidade, onde vivem milhares de microorganismos. Tais microorganismos, apesar de invisíveis a olho nu, são compostos de fungos, bactérias e outros, tornam o solo um ambiente vivo e complexo. Será que estamos deixando uma boa herança aos nossos filhos? Bem, aos nossos filhos, netos e às futuras gerações, na verdade, temos que refletir profundamente, pois a melhor herança que o produtor rural pode deixar a eles é o solo. E com relação às águas das chuvas que caem sobre a superfície do solo, para onde vão? Será que a erosão não é ainda o maior destruidor de nosso solo? Será que o plantio direto da forma como está sendo conduzido está realmente solucionando o problema grave da erosão? Lamentavelmente na atualidade, os terraços de base larga construídos foram desfeitos em grande número. Já estão ocorrendo erosões nas lavouras e nas margens das estradas. No entanto, nós sempre defendemos a manutenção dos terraços. Portanto, para o controle integral da erosão hídrica, é fundamental dissipar a energia erosiva do impacto das gotas de chuva e a energia erosiva da enxurrada, mediante a manutenção do solo permanentemente coberto e a segmentação do comprimento do declive. A escolha dos métodos/práticas de prevenção à erosão é feita em função dos aspectos ambientais e socioeconômicos de cada propriedade e região. Cada prática, aplicada isoladamente, previne apenas de maneira parcial o problema. Para uma prevenção adequada da erosão, fazse necessária a adoção simultânea de um conjunto de práticas. A conservação do solo e da água melhora o rendimento das culturas e garante um ambiente mais saudável e produtivo, para a atual e as futuras gerações. Consulte e discuta soluções que melhor se adaptam à sua propriedade, a fim de buscar a sustentabilidade do agroecossistema.


Notícias

Jornal da Manhã

Sábado e domingo, 7 e 8 de maio de 2016

OPERAÇÃO VIAGEM SEGURA

Ação visa conter violência nas estradas

19

Saída de pista resulta em uma morte Um homem morreu após uma saída de pista ainda no início da madrugada de ontem na ERS-153. O acidente aconteceu a cerca de 10km de distância do trevo de acesso ao município de Soledade, no trecho que liga a cidade a Barros Cassal. Foi sepultado ontem Alan Bach, 28 anos. Segundo informações da Brigada Militar, o condutor

dirigia um Ford Focus, com placas de Selbach HPU-9272 e seguia sentido Barros Cassal – Soledade, quando teria perdido o controle do veículo ao desviar de um buraco. O veículo saiu da pista e colidiu em uma árvore. Alan não resistiu aos ferimentos e morreu no local. Um laudo deverá apontar as causas do acidente, onde a Polícia Civil de Soledade já investiga.

Ação quer prevenir devido o aumento na movimentação com a data referente ao Dia das Mães

Com grande movimento nas estradas, rumo a diversas localidades no Interior do Estado, o Dia das Mães preocupa as autoridades por ser a data comemorativa mais violenta no trânsito do Rio Grande do Sul. Buscando retirar de circulação motoristas imprudentes e garantir um feriado mais tranquilo para os gaúchos, órgãos de trânsito preparam a 59ª edição da Operação Viagem Segura, que já está em vigor desde à meianoite de ontem. Os trabalhos se estendem até amanhã. A análise estatística dos feriados e datas comemorativas de 2007 a 2015 aponta que o final de semana de dia das mães (incluindo a sexta-feira quando

PLANTÃO IJUÍ - Um trabalho de fiscalização de rotina da Polícia Rodoviária Federal de Ijuí rendeu uma prisão, no final da manhã de ontem. Um veículo com placa de Pirapó-RS foi abordado e na identificação dos passageiros foi encontrado Adão dos Santos Geremias, 48 anos, na condição de foragido. Contra ele havia um mandado de prisão em aberto, referente a um caso de homicídio simples registrado em São Luiz Gonzaga. Após os registros, foi encaminhado a Delegacia de Polícia de Pronto Atendimento, onde a delegada plantonista Ana Paula Burille o encaminhado a Penitenciária Modulada de Ijuí. Ele está a disposição do Judiciário e da Susepe.

há intenso deslocamento) teve média de 8,9 mortes por dia. A média é maior que a geral de todos os feriados (6,6) e maior até mesmo que a média dos finais de semana normais (7,4). Na operação do Dia das Mães de 2015, registraram-se 28 mortes nos três dias de feriado (9,3/ dia). O número foi maior que em 2014, quando morreram 19 pessoas em três dias (6,3/dia). Análise dos acidentes nos finais de semana do Dia das Mães de 2007 a 2015 apontam que a maioria das ocorrências aconteceu no domingo, com uma média de 10,9 mortes nos últimos nove Dia das Mães. A estatística mostra também

que o turno da noite foi o que concentrou maior número demortes (38%),assim como as rodovias (65%). As rodovias com o maior número de ocorrências nos últimos nove anos foram a BR386, com 19 mortes nos nove anos, a BR116, com 18 e a BR392, com 10 ocorrências no período. As 58 edições da Viagem Segura realizadas até agora contabilizam mais de 4,3 milhões de veículos fiscalizados e 125,2 mil testes de etilômetro realizados. Foram registradas 680 mil infrações, sendo 13,2 mil autuações por embriaguez. A fiscalização também recolheu 67,8 mil veículos e quase 18,1 mil CNHs.

Polícia Civil de Soledade deverá investigar como o veículo saiu da pista

Filho confessa matar e esconder o corpo do pai

30 presos têm saídas temporárias na região Na semana do Dia das Mães, 30 apenados de duas casas prisionais em Santa Maria vão às ruas em saídas temporárias. A saída é um direito previsto em lei. São 15 presos tanto no Presídio Regional de Santa Maria quanto no Instituto Penal. No Regional, estão 254 homens e mulheres do regime semiaberto que não fazem serviço externo. No Instituto, estão 142 homens que cumprem pena nos regimes aberto e semiaberto que fazem trabalho externo. A maioria deles já saiu ao longo desta semana e deve ficar fora por sete dias. Os apenados têm direito a 35 saídas temporárias por ano, desde que cumpram determina-

dos requisitos, de acordo com a Delegacia Penitenciária de Santa Maria: estar nos regimes aberto e semiaberto e já ter cumprido 1/6 da pena, se primários, ou 1/4, se reincidentes; e possuir bom comportamento carcerário, ou seja, não ter faltas graves. De acordo com os administradores das casas prisionais, o número de apenados em saídas temporárias é menor do que nos outros anos porque não está mais sendo concedida a “saída especial”: a saída do Dia das Mães será descontada das 35 saídas permitidas por ano para cada apenado. No feriadão de Ano Novo, quando 125 foram às ruas, três foram presos em flagrante.

Willian Garcez, delegado da Polícia Civil de Crissiumal

Um jovem de 20 anos confessou para a Polícia Civil que matou o próprio pai e enterrou o corpo em um descampado em Crissiumal, no Noroeste do Estado. O filho, que admitiu o assassinato entre a noite de quarta e a madrugada desta quinta-feira, disse que matou a vítima a machadadas na cabeça no dia 21 de abril. Investigadores faziam buscas ao aposentado desde o dia 1º de maio. Conforme o delegado Willian Garcez, a polícia encontrou o corpo de João Eckhardt, de 56 anos, na quarta-feira, após receber informações de que o aposentado havia sido enterrado em

Linha Seca, localidade distante da zona urbana do município. No depoimento, o jovem afirmou que cometeu o crime porque supostamente era agredido e humilhado pelo pai. Após confessar, o suspeito foi liberado, pois não havia a possibilidade de prisão em flagrante. O crime ocorreu onde o suspeito e a vítima moravam. A perícia identificou com o uso de luz ultravioleta, manchas de sangue no chão e em lençóis. O delegado diz que deve concluir ainda hoje o inquérito. A prisão preventiva do jovem vai ser pedida na segundafeira. Outra pessoa, que auxiliou no crime, ainda é procurada.

cmyk


Notícias

Jornal da Manhã

Sábado e domingo, 7 e 8 de maio de 2016

20

SEGURANÇA

PC cumpre mandados e fecha Boca de Fumo

A Polícia Civil de Ijuí, em uma ação conjunta do 1º e do 2º Distrito realizou duas prisões, por motivos distintos, na tarde de ontem. Além dos presos, os agentes apreenderam significativa quantia de drogas entre maconha e cocaína, uma arma e munição. Dois inquéritos tomarão rumos diferentes a partir de agora. Em cumprimento de mandados de prisão e de busca e apreensão, equipes da PC desencadearam algumas diligências na tarde de ontem. Na primeira delas, no bairro São Paulo, foi preso Anderson Rogério Rodrigues, 21 anos. Anderson, que é natural de Cruz Alta, é supeito de ter praticado um homicídio em Caxias do Sul. "Em apoio a investigação de Caxias, que nos passaram os locais dos mandados foi constatado que havia a vinculação desse ponto e desse indivíduo com o tráfico de drogas no município", explicou o delegado Maurício Posselt, que esteve na coordenação dos trabalhos. Logo na sequência, mandados de busca foram cumpridos em uma residência no bairro Osvaldo Aranha, onde foram encontrados 4,5kg de maconha, 85g de cocaína, munição, um

revólver calibre .38, dinheiro em espécie, balança de precisão, entre outros objetos. No local foi presa Leise Diane Soares Rodrigues, 26 anos, irmã de Anderson, que após ser levada a delegacia, teve o flagrante lavrado por tráfico de drogas pela delegada plantonista, Ana Paula Burille. Conforme reiterado pelo delegado Bruno Oliveira, que também participou da coordenação das ações, há a suspeita de que a arma encontrada em um dos mandados, tenha sido usada no crime precursor em Caxias do Sul. "Como eram locais bastante conhecidos aqui da PC, locais que são conhecidos como ponto de comércio ilícito de drogas, e dessa forma, a 2ªDP, com nossa equipe, cumpriu esses mandados e realizou toda essa apreensão", acrescentou o delegado Bruno Oliveira. A droga estaria escondida em frente a casa da suspeita. O ponto, segundo destacado pelo delegado, funcionava um "crackódromo" há cerca de quatro anos. "No momento da abordagem ela estava com a droga próximo ao corpo. Junto com o corpo ela tinha uma significativa quantia em dinheiro e em função dos elementos ela foi trazida à

A apreensão foi bastante significativa a partir de um trabalho que teve início em Caxias do Sul

Delegacia de Polícia", acentuou delegado Bruno. Os inquéritos tomam rumos diferentes. O primeiro deles pertence a Caxias do Sul, apura o homicídio, e dessa maneira, Anderson está na Penitenciária Modulada de Ijuí, à disposição do poder Judiciário de Caxias do Sul e da Susepe. Já a situação envolvendo o tráfico de drogas fica sob investigação local e deverá ser desenvolvida ao longo dos próximos dias.

Anderson Rodrigues, 21 anos, suspeito do homicídio na Serra

Brigada Militar remaneja o efetivo e age em toda a região O 29º Batalhão da Polícia Militar, em Ijuí, realizou mais uma edição da Operação Combate, em Ijuí e toda a região. Com remanejo do efetivo e visando aumentar as fronteiras da sensação de segurança, os policiais militares fizeram um trabalho concentrado que teve início na quinta-feira e se estendeu às primeiras horas de ontem. Para o subcomandante da corporação e responsável pelo policiamento ostensivo, capitão Gilmar Bischoff, o saldo foi positivo. "O objetivo principal é aumentar a sensação de segurança. Com toda falta de efetivo, temos que nos organizar. Temos que planejar para atender a comunidade. Ontem utilizamos o Pelotão de Operações Especiais (POE) e o nosso efetivo administrativo. Só se consegue esse tipo de operações tendo em vista uma redução de 90% nas horas-extras com organização e planejamento", explica o capitão Bischoff.

cmyk

Comando revelou que fez uma força-tarefa no quesito efetivo

Diversos registros foram resultantes do esforço concentrado da Brigada Militar na região

Conforme repassado pela Brigada Militar, foram realizadas barreiras em Augusto Pestana, Joia, Coronel Barros, Catuípe,

veículos, incluindo a remoção de oito deles. Paralelo ao trânsito, dezenas de propriedades rurais foram vistoriadas e monitoradas.

zonas rural e urbana de Ijuí. Foram confeccionados 41 Autos de Infração de Trânsito (AIT), além da abordagem de mais de 200

Pelo menos 35 homens fizeram o trabalho. "Principal objetivo é coibir os furtos de agrotóxicos nas propriedades rurais, o abigeato, os furtos de veículos, dentre outras infrações penais", acrescentou. A meta é realizar os trabalhos mais vezes em Ijuí e na região de abrangência do comando.


Notícias

Jornal da Manhã

Sábado e domingo, 7 e 8 de maio de 2016

21

MEDIADORES DE LEITURA

Profissionais receberam formação de mediadores No início dessa semana, na Secretaria Municipal de educação (Smed), ocorreu um encontro com Mediadores da Leitura, que fazem parte do programa Todos pela Leitura. O encontro teve a assessoria da professora Maria Luíza Lucchese, que destacou a leitura enquanto necessidade, interesse, leitura deleite por prazer. Ela acrescentou que leitura é saúde cultural,estética e mental, "pois ler também é uma terapia". Posteriormente fez

uma retomada do programa desde a sua implementação no ano de 2008. Na oportunidade, aconteceu a escolha do tema do programa e o lançamento da proposta de trabalho para os mediadores, quando foram sugeridos seis temas e escolhido: Eu leio, ele lê e você?. As coordenadoras Adriana de Moura, Clarice Megier e Eliane Palharini, juntamente com o grupo da Smed, responsável pelo programa, apresentaram para os mediadores as diferentes ações

RS Acolhedor foi lançado na Capital O projeto do Estado que oferece acolhimento diário aos acompanhantes de pacientes do interior, que buscam atendimento médico especializado na Capital, foi lançado nesta semana, o programa RS Acolhedor. Conforme o secretário do Trabalho e do Desenvolvimento Social, Miki Breier, o investimento do Estado no convênio é de R$ 400 mil, que será executado ao longo de 12 meses. "Desta maneira, vamos amparar estas famílias que estão em tratamento de saúde, com o oferecimento de todos os serviços de hospedagem, como alimentação, cuidados de higiene e outras atividades", explicou. De acordo com a presidente do Conselho Estadual de Assistência Social, Léa Maria Biasi o convênio é modelar, "muitos lutaram para que fosse reconhecido e finalmente, aplicado".

O convênio foi assinado com a Associação Beith Shalom que, através da Casa de Acolhimento Apascentar, que já atua no acolhimento voluntário. A Casa de Acolhimento Apascentar oferece pensão completa e possui 12 vagas na ala feminina e oito na masculina. Ao todo, sete profissionais auxiliam a equipe da associação na organização do acolhimento: duas psicólogas, uma assistente social e duas agentes administrativas. O projeto começa por Porto Alegre e tem capacidade de 4,7 mil diárias/ano. Na STDS, o RS Acolhedor será acompanhado pelo Serviço de Proteção Especial de Alta Complexidade da Política de Assistência Social, e ofertado preferencialmente a famílias cadastradas no Programa Bolsa Família e em situação de vulnerabilidade social de cidades do interior.

PARTICIPAÇÃO DE FALECIMENTO E CONVITE PARA MISSA DE 3º ANO PAULO CESAR LANDA *08/07/1972 +04/05/2013

previstas para concretizar os objetivos propostos para 2016, e lançaram o desafio para cada mediador desenvolver em sua escola um projeto de leitura. As coordenadoras destacam que a leitura é uma atividade necessária no mundo de hoje. “No que se refere a leitura, o professor que lê motiva seus alunos, com isso implementa mudanças em seu meio, se autoavalia, de forma crítica e reflexiva no seu trabalho como mediador”. Formação de mediadores ocorreu no início da semana com professores e coordenadores da Smed

EM MEMÓRIA AO 1º ANO DE FALECIMENTO ELOIR KORB MANJABOSCO *07/11/1976 +08/05/2015 Neste dia 8 de maio irá completar um ano sem você. Não tem um dia que não lembro de ti. Saudades das nossas conversas, das nossas risadas. Minha cachorrinha ainda te espera no portão, só que desta vez você não vai mais vir nos visitar. Sentimos muitas saudades de ti. Sua amiga para sempre. Marcia Bartz. Ijuí, 7 de maio de 2016.

EM MEMÓRIA AO 20º MÊS DE PARTIDA SOLANGE DE FÁTIMA RODRIGUES *02/06/1964 +05/09/2014 No “Dia das mães” e em todos os outros, a nossa homenagem, àquela mãe amorosa, linda e charmosa. “Até que a morte vos separe” passou a ser uma frase sem sentido, pois o amor, sem limites, é incondicional e transcende às convenções humanas. Te amamos... Sempre vamos te amar, princesa adorada. O seu coração não parou, pois continua a pulsar em nosso peito.

PARTICIPAÇÃO DE FALECIMENTO E CONVITE PARA MISSA DE 1º ANO Esposa Realda Gabbi, filhos, genros, noras, netos, bisnetos e demais familiares do inesquecível e muito amado CELSO GABBI *18/05/1929 +10/05/2015 Convidam parentes e amigos para a missa de 1º ano de seu falecimento, a ser celebrada amanhã, 08/05, às 8h30, na Matriz da Natividade. Aos que comparecerem, antecipam agradecimentos. Ijuí, 7 de maio de 2016.

PARTICIPAÇÃO DE FALECIMENTO, AGRADECIMENTO E CONVITE PARA MISSA DE 7º DIA Os irmãos José, Alvanária, Dorvalina e Ana Vidal de Oliveira, juntamente com seus sobrinhos participam o falecimento MARGARIDA VIDAL DE OLIVEIRA Ocorrido no dia 3de maio, 00h50, no hospital de Unimed. Agradecem ao Dr. Áureo Zimmermann, a equipe de enfermagem, fisioterapia e funcionários do hospital da Unimed pelo tratamento e dedicação a paciente e familiares. Nosso reconhecimento a todas as pessoas que de uma forma ou outra, nos confortaram naquelas horas difíceis.

Três anos de muitas saudades e felizes lembranças que acalentam nossos corações. Queríamos tê-lo fisicamente por perto, mas acreditar num reencontro faz essa saudade menos dolorida. Com muito amor e o corações cheios de saudade, sua filha Ana Caroline, de sua mãe Vera Regina e irmãs convidam para missa a ser celebrada hoje, dia 7, às 19 horas na Igreja Matriz São Geraldo.

De seu esposo José Vilson, filhos Marcelo e Mauricio.

“Não há nenhuma dor que se compare à perda de um ente querido. Não há nada que repare o sofrimento de ver alguém que amamos partir, para quem fica, resta a saudade, a tristeza e a inconformidade. O tempo não irá apagar a dor e a saudade, mas certamente irá amenizar tamanho sofrimento.” Familiares convidam a todos para missa de 7º dia a ser celebrada na terça-feira, dia 10 de maio de 2016, às 19 horas, na Igreja São Geraldo.

Ijuí, 7 de maio de 2016.

Ijuí, 7 de maio de 2016.

Ijuí, 7 de maio de 2016.

Os seus sonhos, seus ideais de que “as pessoas precisam evoluir e melhorar cada vez mais em todos os aspectos” continuam a ser nosso objetivo. A sua casa, seu lar, sua família... Está tudo igual... Nada mudou...

cmyk


Notícias

Jornal da Manhã

Sábado e domingo, 7 e 8 de maio de 2016

CAPS INFANTIL

Entidade faz tarde de homenagens às mães

Em comemoração ao Dia das Mães, o Centro de Atendimento Psicossocial (Caps Infantil) de Ijuí, realizou na última quarta-feira uma confraternização alusiva ao mês especial das mães, buscando valorizar e enfatizar a importância da figura materna. No evento, que teve a participação das mães e cuidadoras das crianças e adolescentes usuários do serviço, desenvolveu diversas atividades de integração e socialização. Na oportunidade, ocorreu uma homenagem às mães, demonstrando a integração entre elas e seus filhos. No evento realizaram-se, ainda, atividades vinculadas ao Movimento Humano, buscando através da dança, com vários ritmos,

Durante o dia, mães e usuários realizaram diversas atividades

expressar o quanto é importante a prática de atividades físicas diárias para o bem-estar, as ações na área

da dança e ginástica laboral foram coordenadas pela educadora física do Caps, Michele Basso.

Codemi faz assembleia ordinária

Assuntos abordados foram a Fenii e Consulta Popular

Na última quinta-feira foi realizada uma reunião do Conselho Municipal de Desenvolvimento (Codemi). O encontro ocorreu no auditório da Secretaria Municipal de Planejamento e Regulação

Urbana (Seplan). Dentre os assuntos da pauta estavam o sucesso da Fenii e avaliação do evento, informações sobre Assembleia do CoredeNorc realizada no dia 19 de

abril, Consulta Popular 2016/17, agendamento da visita aos distritos industriais e Planejamento Estratégico: encaminhamentos a partir da reunião do Núcleo Coordenador.

Unijuí faz ação do Maio Amarelo Com o intuito de desenvolver uma atividade educativa de verificação da velocidade dos veículos que circulam dentro dos espaços da Instituição, Cipa e SESMT, com o apoio da Coordenadoria Patrimonial e de Serviços, realizaram, na última quinta-feira, uma verificação de velocidade. A proposta faz parte da campanha do Movimento Maio Amarelo. Na oportunidade, foi feita a tabulação de dados com o número/ fluxo de veículos que circularam no horário de pico e a quantidade de condutores que passam acima de 50% do limite de velocidade, ou seja, controle de veículos que circulam e os que passarem acima da velocidade de 30km/h. A atividade se estendeu também no período da noite. Outras

cmyk

72 veículos trafegaram acima da velocidade interna, que é de 20km/h

ações serão propostas durante o mês de maio em conjunto com a Coordenadoria Patrimonial e de Marketing. Os dados foram coletados

entre as 13h e 14h, onde, no período, trafegaram 390 veículos e com velocidade de 30km/h (50% acima do permitia que é 20km/h) foram 72 veículos.

22

Lei dá mais acessibilidade a pessoas com deficiência Na última quinta-feira, o governador José Ivo Sartori sancionou o Projeto de Lei nº 56/2015 que altera a legislação estadual referente a pessoas com deficiência, para assegurar, em órgãos públicos estaduais, a disposição de banheiros adequados. Aprovado por unanimidade na Assembleia Legislativa, o projeto de autoria do deputado Sérgio Peres altera a lei nº 13.320, de 21 de dezembro de 2009, prevendo a disposição de, no mínimo, um sanitário masculino e um feminino adaptados ou construídos com adequações para a acessibilidade e usabilidade, em edifícios públicos estaduais. A adaptação dos banheiros deve seguir a Norma Brasileira (NBR) 9050/05, da Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT). Caso a adequação não seja possível, deverão ser apre-

sentadas alternativas às normas de acessibilidade. O diretor-presidente da Fundação de Articulação e Desenvolvimento de Políticas Públicas para PcD e PcAH no RS (Faders), Roque Noli Bakof, alertou para a necessidade de, futuramente, pensar em projetos específicos para as pessoas com altas habilidades. A consolidação da lei estadual garante os direitos constitucionais a pessoas com deficiência e promove a inclusão social no Rio Grande do Sul. Na lei nº 13.320/2009 está assegurado o atendimento preferencial, a criação e promoção de políticas sociais e programas de assistência e o direito à reinserção e integração na sociedade. A lei também prevê a regularidade de eventos como a Semana Estadual da Pessoa com Deficiência, o Dia Estadual do Surdo e o Dia da Língua Brasileira de Sinais (Libras).

Consumidor pode pesquisar plano de saúde A Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) disponibilizou ontem, na internet, uma nova ferramenta de pesquisa sobre planos de saúde comercializados no País. Na ferramenta, o consumidor pode pesquisar se o plano contratado está em situação regular e o que foi contratado está registrado na agência. “O consumidor consegue fazer uma pesquisa por operadora ou pesquisa direta pelo tipo de plano”, disse a diretora adjunta de Normas

e Habilitação dos Produtos da ANS, Flávia Tanaka. O usuário pode fazer a pesquisa pelo número de registro da operadora na ANS, a razão social, o Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica (CNPJ) ou mesmo o nome fantasia da operadora. Ao digitar qualquer uma dessas opções, acessa todos os planos ofertados pela empresa. Outra ferramenta lançada pela ANS permite que o consumidor tenha acesso aos indicadores de desempenho das operadoras.

SERVIÇOS VAGAS - O Sine de Ijuí está com vagas de trabalho para assistente de logística; carpinteiro (colocador de portas de madeiras); conferente de mercadorias (CNH E); eletricista; encanador; montador de móveis de madeira; operador de máquina CNC (desdobrar madeira) Pedreiro; pizzaiolo; representante comercial e vendedor interno, para o sexo masculino. Auxiliar de limpeza; costureira e empregada doméstica para o sexo feminino. Vagas para ambos os sexos são de gerente de supermercado; vagas exclusivas para pessoas com deficiência e assistente de vendas. IPTU- A Coordenadoria de Cadastro e Tributos lembra aos contribuintes que optaram pelo pagamento parcelado do IPTU 2016 que dia 15 de maio vence a segunda parcela. O pagamento poderá ser efetuado até a segundafeira, 16. O pagamento pode ser

efetuado no Banco do Brasil, Banrisul, Caixa Econômica Federal, agência central dos Correios e rede lotérica conveniada. Quem não está de posse de seu carnê, deve retirá-lo junto ao balcão de atendimento do IPTU ou no site do Município. ENTREGADEALEVINOSA colônia de pescadores Z-18 convida a comunidade para participar da despesca dos açudes, hoje, a partir das 9h. Neste dia, também ocorre a entrega dos alevinos para parceiros e associados mais distantes, a partir das 10h. A entrega será por ordem de chegada. Os alevinos são gratuitos para quem estiver em dia com a tesouraria, e as embalagens e oxigênio terãot uma taxa de R$5,00 por embalagem. Cada associado terá direito a três embalagens de alevinos cada com mais ou menos 400 alevinos e mais uma embalagem de piava até esgotar o estoque.


Jornal da Manhã

Sábado e domingo, 7 e 8 de maio de 2016

23

Memória JM CARA OU COROA

Armindo Pydd

CANETAS PODEROSAS **Somos comandados por um sistema que estabeleceu 3 poderes independentes para dirigir o País. São o Judiciário, o Executivo e o Legislativo. As 3 canetas mais poderosas estão nas mãos dos chefes destes poderes. E estão mudando de mãos. Cunha caiu, Dilma a um passo da queda. Sobra Judiciário. Na verdade estamos vivendo uma hipertrofia do Judiciário. Seria porque os outros dois poderes estão ineficientes e não cumprem suas tarefas específicas? **100 milhões como recursos extras pediu o Executivo para uso em ações de publicidade. Isto quando está numa situação de fim de festa. O Judiciário impediu isto.

Notícias de maio de 1981

Caminhoneiros paralisam e negociam melhores fretes O movimento de paralisação do transporte de cargas, promovido pelos caminhoneiros do Estado, através de seus órgãos de classe, fez com que mais de 150 caminhões parassem em Ijuí. Destes, mais de 50 estavam estacionados próximo ao trevo da BR-285 com a RS-342, rodovia Ijuí-Cruz Alta. Os organizadores do movimento de Ijuí esperavam que o número de caminhões

parados atingisse 200 veículos. A reivindicação dos caminhoneiros é por melhores fretes. Eles culpam as empresas transportadoras pela situação dos motoristas. Segundo Eleodor Meinke, um dos organizadores do movimento em Ijuí, se não existissem as empresas transportadoras, os motoristas não estariam reivindicando melhores fretes, afirmando que elas são "apenas intermediárias, e lucram com isso".

Novo caminhão de lixo - A prefeitura recebeu um novo caminhão de lixo, dotado de rolo compactador, que será incorporado ao Setor de Limpeza Pública da cidade. Por outro lado, o caminhão antigo, também com rolo compactador, que estava passando por reformas, voltará à atividade. Com a chegada do novo caminhão e a volta do veículo reformado, o serviço de recolhimento de lixo na zona urbana poderá ser desenvolvido com maior eficiência.

**Entre 107 e 112 mil seriam os cargos de adeptos do governo que trocariam de dono com a mudança de comando federal. Isto explica a posição das pessoas. Isto explica o acirramento das posições. Isto explica a guerra na internet. **A expressão gaúcha “cusco em tiroteio” se aplica bem ao que está acontecendo com os principais personagens da política brasileira. Antes de fechar as cortinas a presidente está num frenesi de declarações e assinatura de atos sempre na linha de aumentar os benefícios às custas dos nossos impostos. Uma das últimas foi aumentar em mais 20 dias o direito de licença maternidade dos funcionários públicos. Aumentar em 9% o bolsa família. Também não poderia faltar uma viagem para Nova York, onde falou 4 minutos na ONU e o jantar teria custado 40 mil dólares. **Entre os últimos atos de Cunha estão a autorização de mais duas CPIs. A da UNE e do DPVAT. Por sinal muito necessário. E também a colocação em regime de urgência da votação de aumento substancial de vencimentos do Judiciário. **11 milhões de desempregados, 440 revendas de automóveis fechadas. Mais um rebaixamento de nível de crédito do Brasil. As notícias se repetem. E pioram… **Porque governo federal, estados e municípios gastam tanto com publicidade em áreas em que têm monopólio. Exemplos Correios (federal), Corsan (estadual), Demei (municipal)? **Em 2004 os Jogos Olímpicos na Grécia custaram 10 bilhões. Em 2008 os Jogos Olímpicos na China custaram 42 bilhões. De dólares. São inúmeras as obras sucateadas e inúteis que deveriam ser o “ legado”. No Brasil vão custar quanto e vai acontecer o que? E mais, tem o nosso País condições de bancar estes custos na situação atual? **28 anos depois a constituição cidadã de 1988 está aplicando 42% somente dos recursos que se comprometeu aplicar na saúde. Resumo da constituição citada dos inúmeros direitos e poucos deveres é o Brasil atual… **Empresário e leitor do Cara ou Coroa de Cuiabá, Mato Grosso (Mauro), informa que a lei lhe obriga a admitir “ menor aprendiz”. Para formalizar isto tem que assinar 14 (quatorze) papeis. País da burocracia é isto...

A coleção completa do JM está disponível para pesquisa no Museu Antropológico Diretor Pestana

Ao redor do fogo de chão, os caminhoneiros ouviam música e discutiam as reivindicações

Adiada a doação do Consep ao Estado A doação do patrimônio do Conselho de Segurança Pública (Consep) foi adiada, durante reunião ordinária da Câmara de Vereadores. O projeto de lei do Executivo, que autoriza a reversão da área do Consep e benfeitorias ao município de Ijuí não foi votado. Esse projeto também autoriza o município de Ijuí a doar esse patrimônio ao Estado, mais precisamente à Secretaria de Segurança Pública. A mensagem do projeto dá conta de que a doação do Estado do RS permitiria a conclusão do prédio destinado à Delegacia de Polícia e Ciretran.

CONCURSOS Prefeitura de Morrinhos do Sul - RS Com 39 vagas para profissionais de todos os níveis escolares, a prefeitura de Morrinhos do Sul, no Rio Grande do Sul, publicou editais n° 01 e 02/2016 de concurso público, e suas retificações, sob a responsabilidade da empresa Concursul Assessoria e Consultoria. Os contratados terão ganhos que variam de R$ 863,02 a R$ 4.443,11 em jornadas sema-

Somente com essa formalidade é que o Estado poderá contribuir com essa obra, uma vez que lei maior não permite a aplicação de verba estadual em obra de entidade particular, como é o caso do Consep. O vereador João Leonardo Koehler, do PMDB, que solicitou o adiamento da votação, lembra da dificuldade do Estado em conservar prédios de sua propriedade e citou vários casos em Ijuí. O Consep, segundo informações do presidente Ortiz Schröer, aplicou mais de R$ 5 milhões na obra, incluindo o preço pago pelo terreno.

nais de 20 a 44 horas. De acordo com os editais retificados, as inscrições serão realizadas exclusivamente via internet, até 30 de maio de 2016, através do site: www.concursul.com.br. Prefeitura de Nova Araçá - RS A prefeitura de Nova Araçá, no Rio Grande do Sul, tornou público o edital nº 008/2016 de processo seletivo, cujo objetivo é selecionar pessoal de Ensino Fundamental, para preencher cinco vagas no quadro de servidores da municipalidade. As inscrições somente serão feitas via internet, no seguinte endereço eletrônico: www.unars.com.br, até 15 de maio de 2016. A taxa de inscrição é de R$ 15,00.

Exposição do Gado Leiteiro - Desde o dia 4 de maio, estão abertas as inscrições de animais à 4ª Exposição de Gado Leiteiro de Ijuí, que acontece nos dias 25, 26 e 27 de julho, no Parque Regional de Feiras e Exposições Assis Brasil, localizado no KM 334 da BR-285. As inscrições de animais , com idade de um a sete anos, deverão ser feitas na Escola Municipal Assis Brasil, onde serão distribuídos os formulários especiais aos interessados. A Exposição de Gado Leiteiro de Ijuí é uma das maiores que se realiza anualmente no interior do Estado e a deste ano, provavelmente, deverá repetir ou até mesmo superar o êxito das feiras promovidas anteriormente. Além da aquisição de animais de excelente qualificação, os criadores que participam dessa promoção têm oportunidade de acompanhar o grau de adiantamento da pecuária leiteira.

Prefeitura de Sapucaia do Sul - RS A prefeitura de Sapucaia do Sul, no Rio Grande do Sul, divulgou o edital nº 01/2016 de concurso público. O objetivo é selecionar candidatos de Ensino Fundamental, Médio e Superior, para o preenchimento de 86 vagas imediatas, sob o regime estatutário, mais o cadastro de reservas. O concurso fica sob os cuidados da banca organizadora Fundação Universidade Empresa de Tecnologia e Ciências – Fundatec. As inscrições devem ser feitas até o dia 24 de maio de 2016, através do site: www.fundatec. org.br. O valor da taxa vai de R$ 40,00 (Ensino Fundamental), R$ 60,00 (Ensino Médio e Técnico) e R$ 100,00 (Ensino Superior).

cmyk


www.jmijui.com.br

Gincana de Matemática

Estudantes do 5º ano foram desafiados a resolver problemas matemáticos | 7

A inventividade de um professor de circo

Fábio Novello é um faz tudo criativo, ousado, e atuante no Centro Municipal de Artes e Educação Professor Pardal | Caderno Dois

Sebrae desenvolveu Semana do MEI Desde o início da semana, empreendedores individuais receberam orientações do Sebrae para fortalecer o negócio | 13

Campeonato Gaúcho conhece o campeão amanhã

x Técnico Argel Fucks já definiu o time do Inter para a decisão. Treinador do JuventudeAntônio Carlos tem uma dúvida no meio-campo | 17

EDITORIAL | 6 Na prática, significa que os problemas que afetam o leite prejudicam diretamente pecuaristas de baixa renda

cmyk

Sitepaginas  
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you