Page 1

WWW.JMIJUI.COM.BR

Ijuí, Quarta-feira, 22 de junho de 2016

Ano 43 - Nº 281

Reitor apresenta modelo da Unijuí a Ministérios Martinho Kelm esteve em Brasília, onde defendeu sistema comunitário como uma das bases do Ensino Superior. | 7

R$ 3,00

Sartori diz que segurança será foco Com suspensão da dívida, investimentos já têm destino. | 10

CAMINHADA EDUCATIVA Escola Estado do Amazonas celebra fundação com atividade. | 7

PCdoB não descarta coligações para eleições

CARTAS DO URUGUAI Atividade faz parte de um intercâmbio cultural realizado entre os alunos da Escola Osvaldo Aranha e Escola Nº94 de Rivera, no Uruguai. | 7

Caso de mulher desaparecida em Panambi intriga a PC Idosa desapareceu na última sexta-feira. Três dias depois, seu marido foi achado morto em casa. Casos estão interligados, revela o delegado. | 11

O partido em Ijuí conta com três pré-candidatos a prefeito. | 8

Ações da Semana da Pátria em Ijuí são debatidas

Sindilojas busca verba para realizar campanhas e promoção

Data para a chegada do fogo simbólico está definida. | 3

Sem apoio do poder público, lojistas tentarão solução. | 3

cmyk


RADAR

AVISO - O Centro de Referência de Assistência Social (Cras/CSU), não terá atendimento hoje, na parte da manhã, pois realizará uma reunião interna com equipe, no intuito de qualificar ainda mais o atendimento às famílias e usuários dos serviços prestados pela unidade. Porém, pela tarde os atendimentos seguem normalmente. SALÃO DO CONHECIMENTO - O prazo para inscrição de participantes com submissão de trabalhos no Salão do Conhecimento foi prorrogado até o dia 6 de julho. O participante inscrito irá receber certificado de participação, em um total de 20h, e o brinde do evento. O Salão do Conhecimento será realizado de 26 a 30 de setembro, nos quatro Campi da Unijuí. As inscrições no Salão do Conhecimento para participantes com submissão de trabalhos podem ser feitas por participantes da Unijuí: egressos, estudantes de ensino médio e participantes de outras instituições.

INDICADORES

Poupança 22.06.2016 ......................0,6655% Ouro 21.6.2016....................... R$ 139,00 (gr) Dolar Comercial (compra) ............ R$ 3,4070 Dolar Comercial (venda) ............. R$ 3,4076 Dolar turismo (compra) ............... R$ 3,3400 Dolar turismo (venda) ................... R$ 3,5300 Euro (compra) .............................. R$ 3,8322 Euro (venda) ................................. R$ 3,8329 IPC/FIPE Abril/ /2016............................0,46% IGPM Abril//2016 ................................. 0,33% INPC/IBGE Abril/2016 ...........................0,64% IPCA Abril/ /2016..................................0,61% IGP-DI-FGV Abril//2016 .........................0,36% UPF/RS 2016.................................. R$ 17,144

LOTERIAS

ENTRE ASPAS "O pedido de prisão do presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), do senador Romero Jucá (PMDB-RR) e de tornozeleira eletrônica para o expresidente José Sarney (PMDB-AP) foi porque houve acordão para barrar a Operação Lava Jato. Isso é um dos mais graves atentados já vistos contra o funcionamento das instituições brasileiras", disse o procurador-geral da República, Rodrigo Janot. "As conversas gravadas demonstram que eram fundados todos os temores de que uma parcela relevante da classe política estivesse construindo um amplo acordo não só para paralisar a Operação Lava Jato, mas também para impedir outras iniciativas do sistema de Justiça Criminal Estatal", também Rodrigo Janot. "Nem tudo está atendido, mas era aquilo que era possível fazer. Tenho certeza de que esta é uma grande vitória. Deveremos ter uma diminuição daquilo que deveria ser o nosso déficit anual", disse o governador José Ivo Sartori, ao deixar a reunião em Brasília. "A minha atividade e o convite que foi feito foi para ser técnico da Seleção. Essa atribuição é aquilo que eu tenho para contribuir", disse o novo técnico da Seleção Brasileira, Tite.

CONTRA A VIOLÊNCIA - Campanha Violência no Trânsito será tema de evento em Ijuí, neste dia 23 de junho. A palestra será ministrada pelo secretário de Desenvolvimento Urbano, Obras e Trânsito, Ubiratan Erthal, no Sesc local (Rua Crisanto Leite, 202), às 14h30, com entrada franca para participantes do grupo Maturidade Ativa. O objetivo do Programa Sesc Maturidade Ativa é disseminar às comunidades a estratégia nº 5 do "Manual de Violência contra a pessoa idosa", documento oficial lançado pela Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República. CONGRESSO- Foi prorrogado até o dia 30 de junho o prazo para inscrever trabalhos no 31º Congresso Nacional do Milho e Sorgo, que ocorrerá em Bento Gonçalves de 25 a 29 de setembro. Podem ser inscritos os projetos elaborados por estudantes, pesquisadores e profissionais autônomos, nos formatos resumo expandido e pôster, conforme modelos disponíveis no site do evento.

cmyk

NÚMEROS EXTRA-OFICIAIS

A cerca de proteção de uma ponte na Rua 12 de Outubro ainda não foi consertada e representa risco de acidente para pedestres e condutores, principalmente no turno da noite, já que não tem sinalização. A população pede por melhorias no local.

Getúlio

1º 2º 3º 4º 5º Resultado de Sábado

MESTRADO - O Programa de PósGraduação em Direito – Curso de Mestrado em Direitos Humanos da Unijuí divulgou edital para admissão de Alunos Especiais para o segundo semestre de 2016. O edital com todas as informações está disponível no site do Programa. As inscrições poderão ser feitas até o dia 27 de junho, na Secretaria do Mestrado em Direito, no Prédio Beta do Campus Ijuí, das 8h às 11h30 e das 13h30 às 17h10.

2

OLHO DA RUA

Resultado de Segunda

PONTO DE COLETA - A Unijuí oferece pontos de coleta para Campanha do Agasalho de 2016 em Ijuí. Pontos de coleta recebem doações até o dia 30 de junho em diversos pontos da Instituição. “É uma iniciativa solidária nesse nosso tempo de frio, já que esse ano parece que vai permanecer por mais tempo. Queríamos convidar as pessoas a participarem dessa iniciativa”. O convite é da chefe de gabinete da Reitoria, Laura Dalpiaz, que está organizando internamente as ações da Campanha do Agasalho de 2016. A meta do município é atingir a arrecadação do ano anterior, ou seja, 20 mil peças. Destas, a Unijuí foi responsável pela doação de duas mil peças no ano passado.

Jornal da Manhã

Quarta-feira, 22 de junho de 2016

-

0.224 1.652 0.656 9.934 2.351

QUINA

CONCURSO nº

4113

06 11 28 48 67 LOTOFÁCIL CONCURSO nº

1377

01 05 06 08 09 10 12 13 15 17 19 20 21 22 25

PREVISÃO DO TEMPO Fonte: Climatempo


Notícias

Jornal da Manhã

Quarta-feira, 22 de junho de 2016

AQUECIMENTO DAS VENDAS

Sindilojas busca recursos para promover comércio A crise econômica tem afetado negativamente as vendas do comércio varejista no Rio Grande do Sul. A maior prova disso é a queda nas vendas do dia dos namorados, considerada uma das principais datas de compras no Estado. Em comparação com o ano passado, as compras no comércio gaúcho caíram 12%. Em Ijuí, o Sindilojas estima que as vendas tenham sido 4% menores no dia dos namorados deste ano. Para tentar recuperar o setor aquecendo o consumo dos gaúchos, diversas estratégias estão sendo buscadas por entidades representativas. O Sindilojas Noroeste, que representa o varejo local, aposta em campanhas com oferecimento de descontos e prêmios aos consumidores. No entanto, a entidade tem encontrado dificuldades para promover estas ações. "Estamos encontrando, neste momento, muitas dificuldades em relação a parcerias com o poder público. Sempre trabalhamos em campanhas integradas com o setor público, que tem interesse no aumento da arrecadação de impostos, mas esse ano está inviável. Nesta semana, inclusive, recebemos uma notícia de que, em função do ano eleitoral, está vedado qualquer repasse de recursos para este fim. Isso prejudicou um pouco nossas expectativas, mas vamos nos reunir com a diretoria da entidade

No ano passado, campanha de Natal ofereceu descontos e prêmios

para buscar alternativas", afirma o presidente do Sindilojas, Élio Quatrin. Segundo ele, o sindicato não possui condições de promover campanhas sozinho e, por isso, as ações previstas devem ser adaptadas à nova realidade. "Era um projeto audacioso que tínhamos, mas com a saída do apoio público será bastante menor", admite Quatrin. A ideia era a de promover campanhas especiais em diversas datas comemorativas, culminando com uma grande ação de venda no Natal que incluiria um sorteio de prêmios aos consumidores. Para isso, o poder Executivo, com o aval da Câmara de Vereadores, repassaria R$ 20 mil ao Sindilojas

para a realização das ações. O projeto de lei que previa o estabelecimento da parceria chegou a ser protocolado na Câmara, mas acabou sendo retirado de pauta após um parecer jurídico estabelecer a ilegalidade da operação. Apesar do revés, o presidente do Sindilojas reconhece a necessidade de alternativas para estimular o comércio, e garante que as ações serão realizadas. "A queda nas vendas é um problema crítico, e nós temos que reagir. Sabemos das dificuldades dos lojistas, mas as campanhas serão feitas, vamos reunir os associados e buscar alternativas para fomentar as vendas e superar esta crise", disse.

Comissão se reúne para definições A programação da semana da Pátria começa a ser discutida em Ijuí. Na última segundafeira foi realizada uma reunião com a Comissão Organizadora, na Secretaria Municipal de Educação(Smed), para decidir sobre o festejo cívico. Participaram desta reunião representantes do 27º Grupo de Artilharia de Campanha(GAC), 12º Corpo de Bombeiros, Secretaria Municipal de Educação, 36ª Coordenadoria de Educação, Coordenadoria de Trânsito, Colégio Tiradentes de Ijui, Colégio Sagrado Coração de Jesus, Colégio Evangélico Augusto Pestana, Centro de Educação Básica Francisco de Assis, Apae e Grupo Escoteiro Ijuí. A coordenadora da comissão e representante da Smed, Gladis Marise Berno, conversou com a reportagem do grupo JM sobre algumas definições da

Comissão Organizadora da Semana da Pátria reuniu-se na Smed, na manhã de ontem

reunião. Segundo ela, uma das decisões tomadas foram as datas de algumas atividades, como a chegada do fogo simbólico que será no dia 16 de agosto, conduzido pela Liga Nacional de Corrida. No dia 1º de setembro inicia-sea Semana da Pátria, na

Praça da República, às 9h. Já o desfile cívico ficou marcado para o dia 7 de setembro às 8h30, em frente à Praça da República. “A princípio tudo acontecerá dentro do previsto, não terá nenhuma alteração significante em relação ao ano anterior”, salienta Gladis.

3

Senado rejeita mudanças e aprova Lei das Estatais Após rejeitar as principais mudanças feitas pela Câmara, o Senado aprovou ontem o projeto de lei que estabelece regras para a gestão de empresas estatais, como Petrobras e Banco do Brasil, e define critérios para a nomeação de seus dirigentes. A proposta se tornou prioridade no Congresso desde que o presidente em exercício Michel Temer anunciou, no último dia 6, a paralisação de todas as indicações para o comando de estatais até a aprovação do texto pelo Legislativo. A Lei de Responsabilidade das Estatais foi criada nos mesmos moldes da Lei de Responsabilidade Fiscal e tem como objetivo dar maior transparência às contas das estatais. Como o projeto tinha origem no Senado, cabia aos senadores a redação final da proposta, o que possbilitou que eles modificassem as regras aprovadas pela Câmara. O projeto vai, agora, à sanção presidencial. O texto altera a composição dos conselhos de administração e das diretorias das estatais. De acordo com o texto aprovado,

25% dos membros dos conselhos de administração devem ser independentes, ou seja, não podem ter vínculo com a estatal, nem serem parentes de detentores de cargos de chefia no Executivo, como presidente da República, ministros ou secretários de estados e municípios. A Câmara tinha reduzido esse percentual de 25% para 20%, mas o Senado alterou. Além disso, os membros independentes não podem ter sido empregados da empresa – em um prazo de três anos antes da nomeação para o conselho – nem serem fornecedores ou prestadores de serviço da estatal. A proposta também estabelece requisitos mínimos para a nomeação dos demais integrantes dos conselhos de administração. Entre as exigências, o membro deverá ter pelo menos quatro anos de experiência na área de atuação da empresa estatal, ter experiência mínima de três anos em cargos de chefia e ter formação acadêmica compatível com o cargo. Esse foi um dos pontos alterados pela Câmara que foi aceito pelo Senado.

Passagem da Tocha é investimento, diz Ballin Com um gasto aproximado de R$10 a R$12,5 mil, o prefeito Fioravnate Ballin defendeu, ontem, em entrevista ao Grupo JM, que a passagem da Tocha Olímpica em Ijuí é um investimento para o Município. “Não são gastos vultosos que serão empenhados com a passagem da Tocha, e esse compromisso assumimos no ano passado". Os valores ainda estão em processo de licitação. Além de trazer visibilidade ao Município, a passagem da Tocha deve atrair visitantes que devem investir no comércio local. "O que representa isso é de extrema importância, um significado muito especial e histórico para a região", defende o chefe do Executivo. Ballin diz, ainda, que são alguns recursos que estão sendo investidos, mas que devem trazer um retorno futuro ao Município. "Com certeza esse é um grande investimento". O valor empregado se dá devido a Ijuí ser exemplo de investimento em esporte. Mesmo em época de corte de gastos, dificuldades financeiras, o prefeito destaca que o trabalho está sendo realizado para superar o quadro de dificuldades. "Estamos re-planejando as ações, mas esse é, seguramente um investimento

Fioravante Ballin

prioritário para o futuro". Para esclarecer as dúvidas, tanto da comunidade, como dos vereadores, amanhã, às 9h, deve ser realizada uma coletiva de imprensa apresentando como deve funcionar todo o processo de seguranças, valores gastos e como deve ser o procedimento adotado no dia que a Tocha irá passar em Ijuí. "Vamos fazer uma prestação de contas devido a esse grande investimento, que na história de Ijuí, não irá ocorrer nos próximos 50 anos".

cmyk


Notícias

Jornal da Manhã

Quarta-feira, 22 de junho de 2016

4

AUTISMO

Pais precisam saber as particularidades O Transtorno do Espectro Autista (TEA) é transtorno do neurodesenvolvimento infantil caracterizado por dificuldades na interação social, comunicação, comportamentos repetitivos e interesses restritos, podendo apresentar também sensibilidades sensoriais. A ocorrência é de cerca de um em cada 100 pessoas que tem um TEA. No último sábado, foi comemorado o Dia Mundial do Orgulho Autista. “Chamamos de transtorno do espectro autista por incluir características diferentes. É um transtorno do desenvolvimento neurológico, associado a prováveis causas genéticas, mas ainda não foram identificados quais genes e quais interações de fatores ambientais”, explica a neuropsicóloga da Clínica Espaço Interdisciplinar, Márcia Amaral. Os níveis de autismo variam em cada pessoa, desde mais leves até casos mais severos. Os sintomas centrais são a dificuldade de comunicação e interação social e comportamentos repetitivos ou interesses muito restritos. “Antigamente se falava em déficit de linguagem, hoje, após a divulgação do DSM 5 [Diagnóstico e Estatístico de Transtornos Mentais] que traz uma nova classificação de transtornos mentais, não precisa mais”, acrescenta. Os comportamentos muitas vezes se manifestam pelo interesse intenso e focalizado em um assunto em particular; com movimentos corporais estereotipados como agitar as mãos; e uma sensibilidade aumentada a sons ou texturas. “Em casos

mais leves a pessoa só tem dificuldade de manter relações interpessoais, entender linguagem em sentido conotativo, se expressar em público. Nos casos muito graves, há pessoas que não se comunicam através da fala, e se calcula que nos casos graves até 60% estejam associados a alguma deficiência mental”, destaca Márcia. Em algumas situaçõesa criança autista pode ficar agressiva, mas isso ocorre quando não é respeitada sua individualidade. “Sabemos que eles têm uma organização sensorial um pouco diferente das demais e algumas coisas, como o barulho de um liquidificador é quase que insuportável. Um abraço, um toque, para alguns pode ser invasivo.” O conceito de espectro reflete a ampla gama de desafios e até que ponto que as pessoas com autismo podem ser afetadas. “Em torno de um ano de idade já é possível ver vários sintomas, porque a criança não faz contato visual direto, com um ano não aponta o dedo, ou não mostra muito interesse nas brincadeiras que os pais fazem de esconder, de sorrir, muitas vezes podem demonstrar mais interesse em objetos do que em pessoas. Depois com três, quatro anos de idade já é possível ver alguns comportamentos estereotipados, repetitivos, sejam gestuais com as mãos ou verbais, fora a dificuldade de brincar com outras crianças, muito presente na entrada na escola, a criança se isola, quer brincar sozinha, com um brinquedo só, uma brincadeira muito repetitiva”, exemplifica Márcia.

A qualidade de vida de muitas crianças e adultos pode ser significativamente melhorada por um diagnóstico precoce e a indicação de tratamento. Márcia acentua que é essencial uma avaliação neurológica psiquiátrica para ver se existe a necessidade de uso de medicação, e uma avaliação neuropsicológica que dirá o quanto a criança compreende, sua empatia e capacidade cognitiva e intelectual, a partir do qual será montado um perfil. Depois, é necessário realizar os tratamentos. “Os pais têm que buscar o diagnóstico

Inverno exige cuidados com dispositivos O inverno teve início nesta semana, mas muitas cidades já registravam temperaturas baixas desde o início do mês. Nessa época, é comum que as pessoas utilizem aquecedores, lareiras, estufas e fogões a lenha para se aquecer. Mas, o uso desses dispositivos requer cuidados especiais para que não acabem resultando em sinistro. “Com as baixas temperaturas a tendência é de as pessoas utilizarem equipamentos para aquecer o ambiente e, muitas vezes, esquecem que esse aquecimento pode se tornar uma ocorrência ou um sinistro”, alerta o tenente do 12º Comando Regional de Bombeiros, José Vilmar Mihor. Ele recomenda que sempre que a lareira for utilizada, seja feita a limpeza da chaminé para evitar que os resíduos permaneçam por anos, ateando fogo e se propagando pelas residências. “As lareiras também têm que ter proteção para evitar queda de brasa ao solo ou até mesmo de uma criança se ferir”, acrescenta. Os aquecedores elétricos são aparelhos que mesmo em ambiente fechado são motivos de preocupação. “Podem encostar-se a algum móvel ou tecido e acabar se transformando em uma ocorrência mais grave”, alerta Mihor.

cmyk

Os aquecedores elétricos exigem cuidados mesmo em ambientes fechados

No caso do fogão a lenha, se utilizado de forma correta e estando com a limpeza em dia, a possibilidade de causar sinistro é menor. “Geralmente colocamos lenha no fogão e muitas vezes ela não fica toda na parte interna e a porta do fogão fica aberta, no momento que uma lasca de lenha cair ao solo com brasa poderá se transformar em uma ocorrência”, acentua Mihor. Antes de dormir, o tenente aconselha que a família verifique se toda a lenha do fogão foi consumida, optando pela

extinção do fogo ou mantendo a porta do fogão fechada para evitar uma ocorrência durante a madrugada, ainda mais em dias frios, em que as pessoas estão dentro de casa e a ajuda pode demorar a chegar. “A fumaça que seria um sinal para acionar os bombeiros poderá não ser vista, e então se torne tarde demais”, reforça. O Corpo de Bombeiros realiza palestras de prevenção e conscientização nas escolas, dispõe de cartilhas de primeiros socorros no batalhão para toda a comunidade.

correto, uma avaliação individualizada para saber as áreas onde o filho tem dificuldades e facilidades para ser estimulado, porque com certeza a criança tem condições de conviver com as outras, mas ela terá algumas particularidades”, salienta Márcia. O Município disponibiliza os serviços do Caps Infantil. Toda segunda terça-feira de cada mês, a partir das 19h, um grupo de apoio a pais e familiares de pessoas com autismo reúne-se na Casa AMA. O encontro é aberto a profissionais que tenham interesse de saber mais sobre o TEA.

Prefeituras devem priorizar a atenção básica Realizar um pacto federativo dos Estados com a União, revendo as responsabilidades e a divisão dos recursos de forma igualitária, é apontado pela Federação dos Municípios do RS (Famurs) como enfrentamento ao agravamento da crise financeira instaurada na esfera estadual, principalmente na área da saúde. “Hoje os municípios estão com essa crise, mas não podem deixar de atender a população. Os prefeitos estão muito preocupados. Com a dívida que hoje está em quase R$ 300 milhões, somando 2014, 2015 e 2016, aconselho hoje os prefeitos a reduzir gastos, redução de serviços sem resolutividade, hoje priorizar o atendimento e o conselho da Famurs é priorizar o investimento na atenção básica, porque com a prevenção reduzimos gastos”, explica o técnico em Saúde da Federação, Paulo Azeredo. "E não abrir novos serviços sem garantias." Só para se ter uma ideia, hoje para manter uma Estratégia em Saúde da Família (ESF) as prefeituras desembolsam 66% do custo total. No entanto, quando o programa foi preconizado pelo

Paulo Azeredo

governo federal, a União responderia por 50%, 25 % estadual e 25% municipal. “E quando se fala em arrecadação, as prefeituras são as que menos recebem. A maior fatia fica com a União, depois o Estado e por último as prefeituras”, acentua. Por nomenclatura no banco de imagens, na edição de sexta-feira, 17 de junho, a reportagem do Jornal da Manhã, veiculada na página 4, sobre ações judiciais, trouxe a foto do ex-deputado Paulo Azeredo ao invés do técnico em saúde da Famurs. Nesta edição, corrigindo o equívoco.


Notícias

Jornal da Manhã

Quarta-feira, 22 de junho de 2015

MAIS AUTONOMIA

Ceriluz poderá definir tarifas de administração

No início do mês, a Ceriluz sediou em Ijuí a Assembleia Geral Ordinária (AGO) do Sindicato das Cooperativas de Eletrificação e Desenvolvimento do Estado do Rio Grande do Sul (Sindicooper). Um dos assuntos principais da pauta foi a mudança nas regras para a definição da chamada receita requerida por parte das cooperativas, fator que leva em consideração o valor necessário para investimentos e manutenção dos serviços das instituições que prestam serviços de eletrificação. Até este ano, o índice da receita requerida, que é contabilizado para a composição da taxa final de energia cobrada pelas cooperativas, era definido pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel). Depois de muita insistência por parte dos órgãos que representam as cooperativas, a regra ficou mais flexível. "Nós e as demais coirmãs assinamos um aditivo no contrato de 2010 com a Aneel, e a partir deste ano a receita requerida será definida por cada instituição. É um índice que leva em conta os investimentos e o orçamento necessário para a manutenção estrutural dos serviços prestados", explica o presidente da Ceriluz e

presidente do Sindicooper, Iloir de Pauli. Em reunião ontem, a Aneel prorrogou o prazo de vigência das tarifas da Ceriluz e de outras três cooperativas gaúchas em razão da assinatura do aditivo. Desta forma, haverá 30 dias para que as cooperativas refaçam os cálculos da receita requerida, enquadrando os valores em seus custos operacionais. Após o dia 30 de julho as novas taxas já poderão ser aplicadas, e a data passará a ser considerada como nova base para os processos tarifários das instituições. "É um passo muito importante na história da Ceriluz. A cooperativa fez muitos investimentos nos últimos anos, e precisa continuar realizando novos investimentos. A nova regra nos permitirá uma maior margem sobre as tarifas, para que possamos seguir prestando um serviço de qualidade, como nossos consumidores já estão habituados", afirma o presidente da Ceriluz. Iloir de Pauli ainda citou o Índice Aneel de Satisfação dos Consumidores (IASC), que conferiu à Cermissões, de Caibaté, o prêmio de melhor distribuidora do Brasil, entre as 101 pesquisadas,

Ijuí recebe etapa do fórum estadual do leite O Rio Grande do Sul dá início, esta semana, a um fórum itinerante para debater a qualidade do leite produzido nas diferentes regiões do Estado. A primeira edição do Fórum Estadual do Leite – Rumo Excelência será realizada em Ijuí na sexta-feira, em comemoração ao Dia Internacional do Leite. A ideia é reunir, no Salão de Atos da Unijuí, produtores, indústria, pesquisadores, acadêmicos e lideranças políticas e setoriais para debater os novos rumos da produção de lácteos com o advento da regulamentação da Lei do Leite. O projeto é uma iniciativa do Sindicato da Indústria de Laticínios do RS (Sindilat), Sistema Farsul, Fetag e Canal Rural e tem apoio da Embrapa, Unijuí, Fecoagro, Setrem Emater, Famurs, IGL, Ocergs e Secretaria Estadual da Agricultura. A expectativa é formar 11 grupos de debate que avaliarão os temas propostos pela comissão organizadora do evento. Entre os assuntos estão o uso de Composto Barn, a nutrição animal, a relação entre a saúde animal e a qualidade

do leite. “São temas que interessam diretamente aos produtores, à indústria, aos transportadores e ao consumidor porque definem no detalhe a qualidade do produto que chega às mesas das famílias”, completou o secretário-executivo do Sindilat, Darlan Palharini. Participam dos debates, além do presidente do Sindilat, o governador do Rio Grande do Sul, José Ivo Sartori, o chefe-geral da Embrapa Gado de Leite, Paulo do Carmo Martins, o secretário da Agricultura, Ernani Polo, o coordenador das comissões de Grãos e do Leite da Farsul, Jorge Rodrigues e o presidente da Fetag, Carlos Joel da Silva No segundo semestre, o Fórum deve chegar às demais regiões do Estado com o objetivo de fomentar o debate e a reflexão em outras praças. “Queremos que a ação ganhe respaldo estadual em um grande movimento de reflexão e união de esforços pela melhoria constante dos processos produtivos”, pontuou o presidente do Sindilat, Alexandre Guerra.

Iloir de Pauli

mesma posição no Estado, onde a Ceriluz foi a segunda melhor distribuidora. "Estamos presentes e prestando serviços de alta qualidade aos nossos associados, principalmente pela proximidade deles, pelas reuniões mensais e pelo permanente treinamento e qualificação de nossos funcionários, por isso temos recebido o reconhecimento dos associados", comentou.

5

Campanha contra aftosa corresponde expectativas Depois de ser prorrogada por mais de duas semanas, a campanha de vacinação de bovinos e bubalinos contra a febre aftosa encerrou-se na última sextafeira no Rio Grande do Sul. A primeira etapa da campanha começou no dia 1º de maio e terminaria no dia 31 do mesmo mês. A partir dos baixos índices vacinais registrados, a Secretaria de Agricultura e Pecuária prorrogou o prazo até o último dia 17 de junho, de forma a permitir uma maior adesão à vacinação. Na região de abrangência da Coordenadoria de Agricultura em Ijuí, o índice vacinal foi satisfatório. "Não existem números fechados em função de uma dificuldade técnica de lançamento de dados sobre a vacinação. Os municípios que fazem o lançamento diário dos dados registram, em média, 98% dos animais vacinados. No caso de Ijuí, tínhamos até ontem 94% do rebanho imunizado, mas ainda temos de atualizar os dados", afirma o coordenador de agricultura, Emílio Stumm. Ainda devem ser contabilizados até a próxima sexta-feira os dados dos produtores que adquiriram as doses em casas veterinárias cadastradas. Neste caso, é necessário apresentar a nota fiscal de compra para evitar a inserção no cadastro de irregularidades, o que é passível de multa e outras sanções.

Emílio Stumm

"O produtor tem até sextafeira, dia 24, para apresentar a nota fiscal. Gostaria de frisar que aqueles que compraram as doses devem, obrigatoriamente, apresentar essas notas. A multa para quem permanecer inadimplente é, de forma inicial, de R$ 1.024,00, independente do tamanho do rebanho desse produtor. Ainda existe um acréscimo de R$ 54 por animal não vacinado. Além disso, o produtor fica impedido de retirar sua Guia de Trânsito Animal, o que impede, por exemplo, a participação em eventos", comentou o coordenador.

Preços pagos pelo leite sobem 8,79% O preço de referência do leite no Rio Grande do Sul em junho deve atingir R$ 1,1255 o litro, conforme cálculo feito pela Câmara Técnica do Conseleite. A previsão, que indica aumento de 8,79% em relação ao consolidado de maio (R$ 1,0346), foi apresentada na tarde de ontem, após análise das primeiras movimentações do mercado no início deste mês. Nos últimos três meses, a alta acumulada é de 13,84%. Segundo o pesquisador Eduardo Belisário Finamore, os produtos que puxaram a alta em junho foram o leite UHT (13,28%), o queijo mussarela (11,29%) e o queijo prato (6,01%). O reajuste é justificado pela redução na produção estadual decorrente de uma entressafra severa motivada por condições climáticas adversas no Rio Grande do Sul. A previsão é de que a produção já estivesse em patamares maiores nessa época do ano, o que não aconteceu. “A produção de leite no campo não está reagindo como se esperava e está mais lenta do que em anos anteriores”, frisou o presidente

Reunião do Sindilat na tarde de ontem teve a apresentação dos dados

do Sindilat, Alexandre Guerra. Além disso, outro fator que impactou nos preços foi o frio severo registrado em diversos Estados do país dos últimos dias que, ao elevar o consumo em tempos de baixa produção, colabora com novos reajustes. O descarte de animais e o abandono da atividade por alguns criadores são pontuados pelos produtores como agravantes do cenário. O presidente do Conseleite,

Jorge Rodrigues, diz que gostaria de trabalhar com um cenário de estabilidade, mas prevê que o preço do leite deva seguir curva ascendente nos próximos dois meses. Já o presidente do Sindilat acredita que a tendência do preço do leite UHT para julho deve ser de manutenção dos valores ao consumidor uma vez que, novos reajustes, poderiam impactar negativamente nos hábitos de consumo das famílias.

cmyk


Jornal da Manhã

OPINIÃO

Quarta-feira, 22 de junho de 2016

ALÍVIO NOS CAIXAS

E

m meio ao turbilhão político da semana passada, por conta das revelações do ex-presidente da Transpetro Sérgio Machado, em sua delação premiada, eis que surgiu uma boa notícia. Não se sabe ao certo se o acordo alinhavado ontem entre governos estaduais e a União, representada pelo presidente interino Michel Temer, em torno da dívida dos estados, de mais de R$ 400 bilhões, resolverá os problemas de cada ente Os governadofederativo. Mas é um res comemoram avanço. a medida, mas, O acordo estabelea confiança na ce seis meses de carêneconomia ainda cia para o pagamento está longe de ser de suas dívidas, totarestabelecida. lizando um alívio nas contas em 2016, num momento em que governadores e administração federal enfrentam profundo aperto de caixa. Os governadores comemoram a medida, porém, a confiança na economia brasileira vai se restabelecer à medida que o governo for obtendo vitórias no Congresso, em relação à sua agenda de ajustes. O que importa é que a confiança volte para mais investimentos, renda, impostos, empregos e o fundamental equilíbrio fiscal dos governos,

começando pela União. Em janeiro, os Estados voltarão a arcar com serviço da dívida com a União, mas pagando apenas 5,55 por cento da parcela devida, percentual que será elevado gradualmente até o 18º mês. A dinâmica implicará um impacto para o Tesouro de mais 15 bilhões de reais em 2017 e de igual valor em 2018. Em princípio, os Estados queriam carência total por dois anos, enquanto o Tesouro havia proposto carência no pagamento da dívida de 100 por cento até julho e, a partir daí, cairia a cada bimestre até chegar a 40 por cento em julho de 2017, patamar que ficaria congelado até dezembro daquele ano. A partir daí, voltaria a cair até zerar a carência em 2018. Os Estados também devem apoiar iniciativas complementares para o ajuste fiscal, inclusive as que envolvam gastos com a Previdência. O acordo é avaliado como uma vitória política do presidente em exercício Michel Temer, que manteve contato com o ministro da Fazenda enquanto os termos do pacto ainda eram discutidos. Para os governadores, foi uma mostra de diálogo com o governo federal Isso significará, sem dúvida, um alívio para os Estados que poderão utilizar esses recursos para tentar diminuir nos rombos nas contas.

PONTO DE VISTA

José Luís Blaszak

Inicialmente devemos ir para a exposição de motivos da lei. Quando foi feita a lei 3.165, um dos pontos principais era de diminuir as despesas de campanha, quando na verdade se pensava que com isso estaríamos pensando só na questão financeira, então foi aplicada uma tática, que no caso é encurtar o prazo de campanha, de 90 dias para 45 dias, imaginava-se que isso traria diferenças. Porém, foi engano porque ao mesmo tempo em que eu encurto o prazo eu também tenho que criar mecanismos mais eficientes para alcançar o objetivo que eu tinha em 90 dias. Imagino eu que haverá um aumento de despesa para buscar um resultado eficiente em curto prazo.

Advogado eleitorista fala sobre reforma eleitoral e possíveis mudanças para as eleições

Uma minirreforma na política pode ajudar para as eleições? Uma minirreforma, que é mini somente no nome, porque nós no Direito Eleitoral temos uma interpretação de que às vezes um pequeno texto pode fazer um grande estrago e é isso que aconteceu com essa lei, que modificou um grande texto, até proporcionalmente ao tamanho do direito eleitoral e trouxe modificações substanciais naquilo que nós chamamos do processo eleitoral, que precisa ser entendido da filiação partidária até o dia da eleição e divulgação dos resultados. Quais são as mudanças que podem trazer transtornos futuramente?

Jornal da Manhã GRÁFICA E EDITORAJORNALÍSTICA SENTINELA LTDA. CNPJ: 87.657.854/0001-23

Fundado em 1º de Maio de 1973

Espaço para o eleitor denunciar o caixa 2 pode ser saída para eliminar essa destinação de recursos? Acredito que não. Tenho a ousadia de dizer que isso vai ocasionar um aumento. Eu fui juiz membro do TRE do Estado de Mato Grosso, foi período de experiência do trabalho da Justiça Eleitoral, e a Justiça Eleitoral e do trabalho são as duas mais eficientes do País. Contudo, o que acontece é que se a OAB colocar 20 linhas à disposição para denúncia, se o Ministério Público colocar 30 linhas e as ONGs colocar mais 50 linhas, temos uma grande questão, quem vai pegar o sujeito que está comprando o voto? Não existe estrutura de gente para trabalhar nos espaços que possam fazer esse combate à corrupção. Esse é um discurso de quem não viveu os meandros de uma eleição.

Diretor: Edmundo H. Pochmann Editora: Jocelaine Simão redacao@jornaldamanhaijui.com

Rua Albino Brendler, 122 Centro - 98700-000 IJUÍ/RS Cx. Postal 518 - (55)3331-0300

cmyk

Jornal da Manhã: (55) 3331-0300 atendimento@jornaldamanhaijui.com Rádio JM: (55) 3331-0301 radio@jornaldamanhaijui.com

6

ARTIGO

A Escola e a construção da autonomia Bruna Barboza Träsel Mestranda em Educação nas Ciências e coordenadora pedagógica na EMI Alvorada A escola distingue-se de outras práticas educativas porque se constitui em uma ação intencional, planejada, sistematizada e contínua. Desta forma, no seu âmbito espacial, as relações são determinadas a partir das interações entre sujeitos e dos objetivos que propiciam essas interações. Assim, como em outros espaços da sociedade, essas relações seguem regras e normas de convivência, sendo que estas são construídas em sala de aula, mas devem perpassar as paredes desse espaço e abranger a todos os lugares da escola. Segundo Retha DeVries e Bath Zan(1998), autora do livro denominado “Ética na Educação Infantil” é a partir da relação com o outro, sendo este o professor, ou o colega, que a criança sentirá o mundo, verá se é ou não possível a exploração desse “novo mundo”, dentro do que já está posto, em termos de regras e normas. Vale caracterizar, nesse momento, uma sala de aula sócio-moral, onde nada é determinado pelo professor, onde o relacionamento entre aluno e professor se caracteriza por ser cooperativo e não coercivo. O aluno torna-se aluno inserindo-se na cultura da escola, que está, por sua vez, permeada por regras e normas de convivência essenciais à vida dos sujeitos. Pensando nessa construção da identidade do aluno, menciona-se que “a construção da identidade é, na verdade, a representação das diferenças do sujeito; são as suas marcas/sinais e a valorização de tais singularidades. Em outras palavras, a construção da identidade é a tomada de consciência de que sou diferente e por ser diferente é que existo e possuo valor social. O homogêneo não existe. São as diferenças que possibilitam os diálogos e as trocas, portanto, o constante crescimento social do sujeito”, conforme afirma Castrogiovanni (2000, p.13). É impreterivelmente nas relações com o outro que a criança constrói sua identidade e sua autonomia e desenvolverá a moral. A criança tem potencial para interagir socialmente com os outros enquanto iguais, mas normalmente com os adultos elas interagem como se fossem inferiores. Piaget considerou dois tipos de raciocínio moral, sendo eles heteronomia e autonomia, sendo que uma retarda e a outra promove o desenvolvimento infantil. A heterônoma caracteriza-se pela obediência à autoridade do outro, as crianças percebem e aceitam as regras como provenientes de algumas autoridades: pais e professores. A autonomia caracteriza-se pela obediência de ordens com base nos conceitos construídos na inter-relação, a criança segue as regras morais próprias. Assim, quando a criança alcança um estágio de autonomia, ela está encorajada a ser participante, a pensar nos problemas e levantar hipóteses para a sua resolução. Portanto, a construção da identidade autônoma do aluno dar-se-à a partir de suas interações com os adultos e as outras crianças, tendo a oportunidade de falar, de escutar e de se relacionar. Isto ocorre de maneira sadia em nossa escola, já que os alunos interagem com colegas de outros ciclos, maiores ou menores que eles, além dos adultos educadores, ou seja, professores, equipe diretiva, cozinheiras, motorista, monitor e auxiliares de serviços gerais. É por essa ideia de criança que creches e escolas deveriam trabalhar: autônoma e participativa, tendo voz e vez em sua escola. Artigos assinados são responsabilidade de seus autores. Para publicação, os artigos devem ser enviados com identificação do autor (nome completo, documento, endereço e fone) em fonte times, corpo 10, entrelinha 11, com até 30 linhas, para o e-mail redacao@jornaldamanhaijui.com

Representantes Comerciais: Grupo de Diários

Impressão em Off-Set Rotativa Cia de Arte CNPJ 92.107.978/0001-75 Rua Albino Brendler, 146 - IJUÍ/RS (55) 3331-0318 | 3331-0320 (após às 18h)

www.jmijui.com.br

ciadearte@jornaldamanhaijui.com

ASSINATuRAS E CIRCuLAÇÃO: (55) 3331-0315 | 3331-0316 3331-0317 Semestral: R$ 200,00 Anual: R$ 400,00 Correio: R$ 400,00 (semestral); R$ 800,00 (anual)


Notícias

Jornal da Manhã

Quarta-feira, 22 de junho de 2016

UNIVERSIDADES COMUNITÁRIAS

Extensão é um dos focos das instituições de ensino

O presidente do Consórcio das Universidades Comunitárias Gaúchas (Comung) e reitor da Unijuí, Martinho Kelm, esteve em Brasília na última semana para, além de defender as pautas da educação, realizar audiências no Ministério do Desenvolvimento Social e Agrário e também no Ministério de Educação (MEC). Segundo Kelm, após os encontros na capital federal, as mudanças em todos os setores do governo federal são perceptíveis, "muitos que temos relações como universidade e Consórcio de Universidades Gaúchas (Comung)". Os encontros, como ele explica, tiveram o objetivo de apresentar o modelo de universidades comunitárias aos ministérios, além da assembleia da Associação Brasileira de Universidades Comunitárias (Abruc). "Com isso, esperamos que haja uma consciência de que o segmento comunitário é uma das bases do sistema educacional superior brasileiro". No Ministério do Desenvolvimento Social e Agrário, o líder do Comung entregou um documento

ao ministro Osmar Terra, detalhando as preocupações das Instituições Comunitárias Gaúchas. De acordo com Kelm devem ser encaminhados projetos ao Ministério, como a questão da economia solidária e economia produtiva, "projetos em que a Universidade já possui uma atuação". Como ele defende, as universidades comunitárias já possuem maior experiência e tecnologia em projetos de extensão, "o que abre um espaço e uma oportunidade bem grande do governo fazer frente às metas de crescimento e impactos social a partir de convênios com as universidades comunitárias". Essa área deve ser uma das que deve ser contemplada com projetos a serem enviados ao Ministério. "Seja pelos alunos que serão beneficiados, mas também pelas comunidades que recebem os projetos de extensão". Ainda durante esses encontros, o reitor destacou que foram debatidos os avanços no Fies. No último edital do Fies, a Unijuí teve um grande número de vagas que acabaram não sendo preenchidas,

7

Comunidade escolar faz ação de conscientização No último sábado, a Escola Municipal Fundamental Estado do Amazonas realizou uma programação alusiva à comemoração dos seus 51 anos de história no município de Ijuí. No dia, as atividades que marcaram a programação contaram com uma integração envolvendo a comunidade escolar com a colaboração da Coordenadoria do Trânsito e da Policia Rodoviária Federal. Dentro do tema do projeto escolar 2016: Nosso Mundo, Nossa Responsabilidade! Ocorreu o 1º Caminhando, participando com ações que promovem a vida, pelas ruas próximas à escola, no bairro Elizabeth As atividades contaram com passeio ciclístico, skatistas da oficina do programa AABB

Comunidade, arrecadação de alimentos, sorteios de brindes para a bicicleta mais criativa e pela participação das atividades. Na caminhada, a escola mostrou os vários momentos de aprendizagens que oferece além do currículo escolar como: música na escola, Sebrae, com o projeto Jovens Empreendedores Primeiros Passos (JEPP), rádio na escola, grêmio estudantil, leitura na escola: aprendizagem do prazer, projeto piloto English for kids: introdução da língua inglesa na pré-escola e no 1º ano, Festival Amazonas em Movimento, Festival Temática Estudantil do Trânsito (Fetran) da Polícia Rodoviária Federal, Programa AABB Comunidade e Música na Escola.

Martinho Kelm

mais de 30%, porque os alunos selecionados na primeira fase acabaram não atendendo os critérios, e o MEC não disponibilizou novamente as vagas. "Esperamos que agora, com as mudanças, não tenhamos mais vagas não ocupadas, o que beneficia diretamente os nossos alunos".

Escola faz intercâmbio cultural

Caminhada contou com diferentes ações de promoção à saúde

EFA faz oficina de leitura na Educação Infantil Tendo como base o princípio de utilizar a leitura para proporcionar atividades criativas e busca de soluções de problemas que estão no cotidiano das crianças, os alunos do Centro de Educação Básica Francisco de Assis (EFA),juntamente com a professora Sonia Falcão e a auxiliar pedagógica Patricia Garcia do Nascimento, desenvolvem diferentes atividades voltadas à Jornada de Pesquisa Literária que culminará em julho, mês das comemorações de aniversário da Escola.As atividades são direcionadas aos alunos da turma A11, de 2 anos de idade.

Segundo a professora Sônia, as crianças estão fascinadas pelo universo das histórias clássicas infantis, o imaginário e os personagens se misturam num jogo de real e faz de conta. O desenvolvimento da linguagem oral, o partilhar fatos e as mais ricas formas de expressão do pensamento são percebidos quando as crianças são estimuladas ao entrar no mundo dos clássicos literários. Este ano, a Escola receberá a escritora Léia Cassol, para dar mais envolvimento com a história, para o grupo de jovens que participa do Projeto Baú da Leitura.

As cartas foram recebidas na manhã de ontem pelos alunos da Escola Osvaldo Aranha

Na manhã de ontem, os alunos do 6º ano da Escola Estadual de Ensino Fundamental Osvaldo Aranha receberam as respostas das cartas que haviam sido enviadas aos estudantes da Escola nº 94 de Rivera. A atividade faz parte de um intercâmbio cultural realizado pelas duas escolas. Segundo a professora que orienta as atividades, Resemari Filipin, a ação é algo que permite a socialização de experiências, vivências, "além da construção de novos saberes que ultrapassam fronteiras”,

acrescenta a professora. O intercâmbio iniciou-se em 2011, com o Projeto Unindo Fronteiras e tem continuidade até hoje. Neste ano, conforme explica a professora, a escola busca possibilitar um trabalho inovador e tecnológico entre as duas escolas. “O contato começou via redes sociais entre os professores e para as trocas de cartas entre os alunos foi utilizando o correio”. Em abril, os alunos escreveram as cartas e enviaram para os alunos do 5º ano da escola de

Rivera. “Os alunos ficaram felizes e emocionados, pois além de troca de experiências e conhecimentos, conquistaram novos amigos”, destaca a professora. Nas cartas, os alunos receberam as respostas dos colegas que moram no País vizinho. Além das cartas, os estudantes conheceram as tradições e cultura dos jovens estudantes. Em julho está prevista uma videoconferência entre os alunos dos dois países e, a partir daí, serão iniciados os trabalhos interdisciplinares.

Atividade busca estimular o hábito da leitura nas crianças desde cedo

cmyk


Notícias

Jornal da Manhã

Quarta-feira, 22 de junho de 2016

8

ELEIÇÕES 2016

Líderes do PMDB debatem cenário político O deputado Darcísio Perondi (PMDBRS) participou de dois encontros da Rota da Vitória, organizada pelo partido na região Noroeste. Em entrevista ao Grupo JM, ele informou que na ocasião falou sobre o impeachment da Dilma e o governo do presidente interino Michel Temer. O encontro contou também com a presença do ministro do Desenvolvimento Social e Agrário, Osmar Terra e do deputado estadual Gabriel Souza, que conduziram o debate político, pautado no enfrentamento da crise nacional e estadual. O deputado Darcísio Perondi, que tem percorrido o Estado junto com a equipe do Diretório Estadual na série preparatória para as eleições municipais, falou sobre a situação atual da política nacional. De forma didática, respondeu após questionamentos do público sobre o governo interino de Michel Temer e esclareceu dúvidas sobre o que é possível avistar sobre o futuro. Vice-líder do governo federal na Câmara dos Deputados, Perondi afirmou que o Brasil vive tempos novos e é vocação do PMDB ser chamado para comandar o processo de recuperação da crise. "Não podemos deixar o Brasil chegar à situação de insolvência total. Por isso, Michel tem apresentado, nestes 30 dias de ges-

tão, medidas fortes para conter a crise. A proposta do teto global, por exemplo, irá limitar o crescimento das despesas públicas dos poderes”, elucidou Perondi. Presente no encontro, o ministro Osmar Terra falou sobre o novo desafio à frente do Ministério. Terra reforçou a sua vontade de fazer política para transformar. "Acredito que um outro mundo é possível, com mais igualdade, generosidade e menos miséria e pobreza, que se desenvolva a favor de todos”, afirmou Terra, que em seu currículo, além de ministro, foi prefeito, secretário de Estado e deputado federal. Ao falar especificamente sobre o Ministério do Desenvolvimento Social e Agrário, Terra disse que a pasta é a responsável por todas as políticas sociais, incluindo Bolsa Família e benefícios de prestação continuada. Os investimentos do ministério em todos os seus programas, segundo ele, são maiores do que o que o governo repassa de Fundo de Participação dos Municípios (FPM) às prefeituras, com um orçamento anual de R$ 92 bilhões. "Nós vamos trabalhar o desenvolvimento social, porque até hoje o ministério está mantendo as pessoas, ele não faz as pessoas progredirem na vida. Nós

O deputado Darcísio Perondi percorru municípios da região Noroeste

temos que fazer é desenvolvimento e progresso na vida das pessoas mais pobres. É ensinar a pescar e não só ficar dando peixe”, ressaltou o ministro. A construção da proposta de um novo modelo de

CCJ aprova relatório do caso Jardel Foi aprovado na Comissão de Constituição e Justiça da Assembleia Legislativa ontem o relatório favorável à cassação do deputado estadual Mário Jardel (PSD). O relator, deputado Elton Webber (PSB), fez a leitura do documento, que recebeu aprovação unânime, por 11 a 0. Agora, a cassação será votada em plenário. A reunião estava marcada para começar às 9h, mas foi suspensa temporariamente devido a um pedido de vista da defesa de Jardel, que alega que o exjogador do Grêmio não foi ouvido pela Comissão de Ética, que aprovou o relatório antes da CCJ. "Ele não foi ouvido em nenhum momento do processo. Ele estava de licença de saúde autorizada pela Casa, por 30 dias, e depois por 60 dias. A própria Casa autorizou", afirmou o advogado Rogério Bassotto. Depois de debates e discussões, o deputado Elton Webber (PSB),

Cassação de Jardel será decidida no plenário da Assembleia Legislativa

deu início à leitura do texto. Além disso, a defesa questionou a atuação do relator. Segundo o advogado, Webber não poderia dar o parecer na CCJ, porque já havia se manifestado favorável à cassação de Jardel na Comissão de Ética. O parlamentar, porém, se defendeu e disse que a Casa seguiu o que diz o regimento. “Nos debruçamos sobre este trabalho,

obedeceu todos os critérios. Até para ser lido o mais rápido possível”, ponderou Webber. Depois de passar pela Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), o relatório irá a plenário, onde os deputados decidem se Jardel vai ou não perder o mandato. Em reunião no dia 8 de junho, a Comissão de Ética votou e decidiu pela cassação.

de debater a revisão dos preços mínimos das culturas do arroz, algodão, feijão e milho, a serem adotados no Plano Agrícola e Pecuário 2016/17. O deputado também esteve reunido com o ministro da Saúde, Ricardo Barros, para levar à nova gestão da Pasta assuntos re-

lativos ao setor no Rio Grande do Sul, que enfrenta uma forte crise, além de cumprimentar o novo comandante da Saúde. "Conversei com o ministro Ricardo Barros sobre a situação da saúde do RS e do Brasil em geral, e transmiti meu apoio às ações dele frente ao Ministério da Saúde", disse.

Deputado debate ações para saúde O deputado federal Luis Carlos Heinze (PP/RS) esteve reunido com o secretário de Política Agrícola do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (SPA/Mapa), Neri Gueller, e dirigentes das entidades representativas do setor rural. A reunião teve como objetivo

cmyk

microcrédito e implantação do programa Primeira Infância Melhor (PIM) em todas as famílias que recebem o Bolsa Família foram algumas das mudanças anunciadas por Terra.

Partidos se movimentam em torno de alianças Ainda falta mais de um mês para a oficialização dos candidatos que disputam as eleições municipais – período conhecido como as convenções partidárias, que acontecem de 20 de julho a 5 de agosto. Enquanto isso, os partidos se movimentam em torno de acertar alianças e definir candidatos. Ainda que esta movimentação seja comum em anos eleitorais, existem aspectos que foram implantados recentemente e que, a partir de agora, passam a ser diferentes. No PCdoB, além da pré-candidatura a prefeito de Junior Piaia os nomes de Rosane Simon e do médico Ricardo Pittas são cogitados pelo Partido. Em entrevista ao Grupo JM, Junior Piaia, confirmou que PCdoB está participando dos encontros com os partidos de oposição, para estudar a possibilidade da criação de um frentão, mas também salientou que o partido também já esteve conversando com o PDT. "Nosso histórico é de oposição ao projeto que governa a cidade há quase 30 anos. Mas para termos uma candidatura com capacidade de disputa nestas eleições, o leque de forças da oposição tem que estar unido em torno de um projeto que não é de direita ou esquerda, mas um projeto novo e alternativo ao

Junior Piaia

continuísmo daquilo que todos conhecemos e que quase nada de novo apresentou para a cidade de Ijuí nos últimos anos”, argumenta Piaia. Segundo ele, é latente a vontade da população por um governo mais avançado e democrático em relação a um projeto desgastado e que não traz novidade para o cenário político local. “Com o objetivo de abrir novas possibilidades e alternativas de composição para estas eleições, considerando um entendimento entre as forças políticas, o PCdoB resolveu ampliar o debate de nomes para compor uma chapa majoritária”.


Notícias

Jornal da Manhã

Quarta-feira, 22 de junho de 2016

LAVA JATO

Cunha diz que sofre cerceamento de defesa O presidente afastado da Câmara, Eduardo Cunha (PMDBRJ), voltou a afirmar ontem que não vai renunciar ao cargo. Ele minimizou rumores de que estivesse considerando esta saída para tentar um acordo que pudesse abrandar sua pena. Semana passada o Conselho de Ética aprovou, por 11 votos a nove, a perda do seu mandato. Em entrevista coletiva no Hotel Nacional, em Brasília, Cunha também afastou qualquer intenção de fazer delação premiada. "Não renunciarei e não tenho o que delatar. Não cometi qualquer crime", afirmou. O peemedebista disse que a "boataria" é resultado de um momento confuso e complexo vivido pela Câmara e disse que, "por sua culpa", esses rumores não vão continuar. "É natural, depois de ficar tanto tempo sem falar, acabar alimentando esta boataria", completou. Cunha marcou a coletiva para, segundo ele, retomar a comunicação direta com veículos de comunicação e evitar "prejuízos" que estaria sofrendo em seu direito de defesa por ter adotado a estratégia de se manifestar, nas últimas semanas, por notas ou pelas redes sociais.

"Foi opção minha (vir sozinho), porque não estou vindo fazer um ato solene. Estou retomando um contato rotineiro com vocês. Pedi que não viessem. Vou voltar a falar com regularidade", disse, destacando que os custos com aluguel do salão do Hotel Nacional e a estrutura usada para a coletiva foram pagos com recursos próprios. Em mais de uma hora de exposição, antes de começar a responder perguntas de jornalistas, Eduardo Cunha reafirmou que não aprovou o processo de impedimento da presidente afastada Dilma Rousseff pela perda de apoio. O peemedebista reiterou que foram integrantes do Executivo, entre eles o então ministro da Casa Civil, Jaques Wagner, que ofereceram apoio no Conselho de Ética em troca do arquivamento do pedido. "Não sou nem herói nem vilão no processo de impeachment. Apenas cumpri meu papel. Tenho a consciência tranquila de que livrar o Brasil da presidente Dilma Rousseff e do PT será uma marca que terei orgulho de carregar", acrescentou. Sobre a decisão do presidente interino da Câmara, Waldir Maranhão (PP-MA), que desistiu da

Eduardo Cunha

consulta que havia encaminhado à Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Câmara, Cunha anunciou que vai recorrer. A consulta questionava o rito de cassação de parlamentares na Câmara e se o texto a ser apreciado pelo plenário é o parecer do relator ou um projeto de resolução sobre a decisão do colegiado. Maranhão explicou que a consulta já foi respondida pela comissão em pelo menos duas oportunidades - em março de 1994 e setembro de 2005.

Comissão ouve ex-ministros do governo A comissão especial do Senado ouviu ontem novas testemunhas de defesa do processo de impeachment da presidente afastada Dilma Rousseff (PT). O deputado federal Pepe Vargas (PT-RS), que já comandou as pastas de Desenvolvimento Agrário, Relações Institucionais e Direitos Humanos no governo Dilma, e Miriam Belchior, ex-ministra do Planejamento e ex-presidente da Caixa Econômica Federal, negaram crime de responsabilidade de Dilma. "Não houve crime fiscal. Há 15 anos os decretos são feitos desta maneira", disse a ex-minis-

tra. "Não vejo aqui crime de responsabilidade", afirmou Vargas. Além dos ex-ministros, também foram convocados para a sessão desta terça Orlando Magalhães da Cunha, analista de Planejamento e Orçamento e ex-subsecretário de Planejamento e Orçamento do Ministério da Justiça, e Marcelo Minghelli, coordenador de Orçamento e Finanças do Ministério da Justiça e professor do Instituto Federal do Rio de Janeiro. Ao todo, a defesa de Dilma tem direito a 40 testemunhas. É a sexta sessão consecutiva da

A comissão especial do Senado ouve novas testemunhas de defesa

comissão de impeachment que ouve testemunhas convocadas para defender a presidente afastada. Nesta segunda, os integrantes da comissão decidiram rejeitar a inclusão de trechos das gravações feitas pelo ex-presidente da Transpetro Sérgio Machado no processo de afastamento de Dilma. A defesa da petista queria adicionar no processo o áudio no qual o senador Romero Jucá (PMDB-RR) sugere um "pacto" da classe política para “estancar a sangria” causada pela Operação Lava Jato.

9

Dilma confirma encontro com Marcelo Odebrecht A presidente afastada Dilma Rousseff divulgou nota ontem na qual confirma que esteve com o empresário Marcelo Odebrecht, em maio de 2015, por ocasião de uma viagem oficial à Cidade do México, mas nega que tenha tratado de doações de campanha com o empresário. Segundo a nota, o encontro "foi breve" e "o diálogo não tratou de doações". "No encontro, também não se tratou de pagamentos ao jornalista João Santana, responsável pelos programas de rádio e TV na campanha eleitoral", diz o texto, divulgado pela assessoria de imprensa da petista. Segundo a presidente afastada, "já é público e notório", que todos os pagamentos pelos serviços prestados para sua campanha pela reeleição em 2014, inclusive aqueles ao marqueteiro João Santana, foram feitos dentro da lei e declarados à Justiça Eleitoral. "À produtora de João Santana, os pagamentos totalizaram R$ 70 milhões", afirma. Reportagem do jornal Folha de S.Paulo desta terça-feira afirma que, em delação premiada, Marcelo Odebrecht admitirá elo com repasses para Dilma para as campanhas presidenciais em 2010 e 2014. O ex-presidente da empreiteira Odebrecht, preso há um ano no âmbito da Operação Lava Jato, também vai relatar que conversou com Dilma em

Dilma Rousseff

26 de maio do ano passado a fim de alertá-la que os investigadores estavam prestes a descobrir pagamentos feitos na Suíça para o marqueteiro João Santana. A assessoria da Dilma também criticou "que, uma vez mais, conteúdo em segredo de Justiça seja vazado de maneira seletiva". "É lamentável que, mais uma vez, o conteúdo em segredo de Justiça seja vazado, seletivamente e de maneira escandalosa, para a imprensa", diz. "Sobre as suposições do empresário Marcelo Odebrecht, a presidenta Dilma Rousseff não tem porque tecer quaisquer considerações ou comentários", finaliza a nota.

Lavagem de dinheiro pode ter financiado campanhas O esquema de lavagem de dinheiro formado por uma rede de empresas e cerca de 30 pessoas de Pernambuco e Goiás, alvo da Operação Turbulência, da Polícia Federal (PF), pode ter atuado no financiamento das campanhas do ex-governador de Pernambuco Eduardo Campos (PSB) de 2010 e de 2014, e também no desvio de recursos da Petrobras e das obras de transposição do Rio São Francisco. De acordo com a PF, a organização criminosa teria movimentado mais de R$ 600 milhões desde 2010. A investigação reuniu indícios de um esquema criminoso que envolve contas bancárias de 18 pessoas físicas e jurídicas, a maior parte delas empresas de pequeno porte, muitas de fachada, que movimentavam valores milionários entre si e para terceiros com o objetivo de lavar dinheiro de atividades ilegais. “Nós detectamos o envolvimento de políticos, pelo menos no sentido de serem beneficiários de recursos. Agora não posso alegar que apenas políticos faziam uso dele. Acredito que, na

verdade, seja bem mais amplo”, aponta a delegada de Combate à Corrupção, Andréa Pinho, que atua no caso. O delegado Daniel Albuquerque, cedido da PF de Alagoas para contribuir na investigação, explica as transações: "Cada empresa tem uma participação. Todas as empresas foram identificadas tendo movimentações financeiras com as organizações envolvidas ou com os próprios investigados, ou pessoas que emprestaram suas contas – e eventualmente recebiam alguma coisa para isso – para eles são as formas que eram utilizadas para que o dinheiro circulasse e se distanciasse de sua origem, provavelmente ilícita”, explica. Os empresários acusados de serem os líderes da organização foram presos preventivamente entre a madrugada e a manhã de ontem. São eles Apolo Santana Vieira, Eduardo Freire Bezerra Leite e João Carlos Lyra Pessoa de Melo Filho, que recebiam valores milionários por meio das empresas e seriam donos de várias delas.

cmyk


Notícias

Jornal da Manhã

Quarta-feira, 22 de junho de 2016

AJURICABA

Município atende denúncia de lixo irregular Em Ajuricaba, em um trecho de margem do perímetro urbano e rural do Município, na via que dá acesso ao município vizinho de Bozano, a prefeitura constatou um ponto de descarte irregular de lixo. O local, às margens do rio Cachoeirinha, segundo a Secretaria de Obras, é Área de Preservação Permanente (APP) e tem sido alvo da falta de consciência da população. Desde garrafas de vidro, embalagens de fluido de freio e até papel higiênico, o que deveria ser coletado pelo caminhão de lixo, são descartados. De acordo com o secretário de Meio Ambiente, Samir Bertollo, o lixo já foi encontrado no local outras vezes. Nesses casos, o secretário destaca que os fiscais ambientais buscam identificar quem está sendo oa responsável pelos descartes e devem notificar as pessoas. "Primeiramente a notificação é feita verbalmente, para que a pessoa possa se conscientizar a fazer o descarte correto. Em caso de reincidência, a pessoa será autuada, multada". O material que foi descartado no local deve ser recolhido, separado e depois receber o destino correto. "Vamos identificar o local (como APP) para que não se volte

Lixo foi descartado ao lado do rio Cachoeirinha, em área de preservação permanente

a fazer esse tipo de ocorrência". Em Ajuricaba, desde 2013, existe uma campanha onde se faz, mensalmente, a coleta do lixo em cerca de 50 pontos do interior do Município. A coleta ocorre sempre na última segunda e terça-feira de cada mês. "A equipe de obras faz a coleta desse material”. Todo o material coletado no Município é transportado até o aterro sanitário de Palmeira das Missões. Ajuricaba ainda não implantou a coleta seletiva de lixo (quando o

orgânico e o seco são coletados em dias diferentes), portanto, o recolhimento de lixo ocorre todas as terças e quintas - feiras e nos sábados na área urbana Segundo ele, um dos motivos que pode ter sido a causa do depósito irregular é a falta de consciência ou ingenuidade da comunidade. "Acredito que as pessoas devem se policiar, ter mais consciência e saber que se deve fazer a separação de cada material".

Café e Negócios reúne líderes regionais Empresários, lideranças, autoridades e imprensa de Santo Ângelo participaram do 2º Café & Negócios da Acisa na última segunda-feira. Com o tema Do Sonho à realidade: Uma história empreendedora, o sócio fundador da Gráfica Rex, José Luiz Lermen contou sua trajetória profissional, as dificuldades e desafios do início da carreira. Lermen relatou sua história, a evolução ao longo dos anos e o desafio de conquistar o mercado de São Paulo. “Nem sempre o preço é o principal atrativo, mas o atendimento, os processos de trabalho, a entrega dos materiais dentro do prazo são muito importantes para conquistar a confiança do cliente. Devemos ser profissionais e definir as prioridades”. Com sede na cidade de Nova Candelária, a Gráfica Rex possui 215 funcionários, que segundo o empresário, é um time de sucesso. “Fomos nos reestruturando e nos atualizando com o passar do tempo, e hoje, mesmo em tempos de crise, estamos batendo recorde em faturamento, graças ao grande

cmyk

10

Decisão da União não garante equilíbrio A afirmação é do governador José Ivo Sartori, quando, na manhã de ontem, em entrevista coletiva sobre o anúncio de suspensão da dívida dos Estados até o fim do ano, defendeu que, mesmo assim, o Estado não garante o pagamento dos servidores em dia. Segundo ele, a conquista está longe de representar o equilíbrio financeiro do Rio Grande do Sul, mas é "um respiro, um alívio" importante num momento de crise. Como ele avalia a parcela que deixará de ser paga à União, corresponde a um quinto do valor da folha dos servidores, não podendo garantir o pagamento em dia do funcionalismo. "Tivemos seis parcelamentos, mas nunca foram além do dia 11, 12 de cada mês. Se você não tem dinheiro, não vai pagar", afirmou. Durante entrevista coletiva no Palácio Piratini, o governador destacou ainda as ações para recuperar as finanças estaduais e citou um plano para a área de

segurança, que será anunciado nos próximos dias. Sem a pressão do pagamento das parcelas pelos próximos seis meses, Sartori diz que a seguranca será uma das prioridades. "Claro que dá um alívio, é um pequeno refresco, vamos dizer assim, mas nós temos que continuar fazendo nosso dever de casa, nosso trabalho, que tem sido compreendido pela nossa sociedade. Vou dizer e continuar dizendo que no primiero momento vai ser a segurança, depois vamos para as outras questões", destacou o governador, que disse que o anúncio de novas medidas contra violência ocorrerá em breve. Para chegar ao acordo, o governo gaúcho aceitou contrapartidas, que devem ser cumpridas pelos próximos dois anos. Entre as principais estão a redução das despesas e o compromisso de não dar aumentos de salários maiores que a inflação aos servidores.

Em entrevista coletiva, Sartori defendeu segurança como prioridade

Justiça suspende atividades de empresas de lácteos

O evento discute o desenvolvimento e reuniu líderes regionais

investimento em máquinas de última geração e nossa mão-deobra, que é extremamente qualificada. Tive a coragem de largar meu emprego há muitos anos e abrir meu negócio. O desafio foi grande, mas deu certo!”. O presidente da Acisa, Douglas Ciechowiez, destacou que, mesmo com tantas dificuldades

e adversidades em que nosso país está vivendo, precisamos ver as oportunidades e acreditar em nosso potencial. “O Café & Negócios da Acisa tem esse objetivo: reunir as lideranças e empresários da cidade para juntos discutir e pensar em soluções para promover e desenvolver a região”.

A Justiça deferiu, em tutela provisória, uma ação coletiva movida pelo Ministério Público que pede a imediata suspensão das atividades de uma empresa de produtos lácteos. A indústria Luza fica em Constantina, no Noroeste do Rio Grande do Sul, e é investigada pela Operação Queijo Compensado 3. A ação é assinada pelo promotor de Justiça Alcindo Luz Bastos da Silva Filho, da promotoria de justiça de Defesa do Consumidor de Porto Alegre. Segundo o MP, um dos motivos para o fechamento da empresa Rodrigo Luza está na "inércia do Serviço de Inspeção Municipal de Constantina (SIM) em adotar medidas imediatas que inibissem de forma mais eficaz a continuidade das fraudes verificadas na operação". Também foi determinada a imediata proibição de utilização

dos imóveis localizados em Canoas, na Região Metropolitana de Porto Alegre, ou outro local qualquer, como depósito clandestino dos investigados para armazenamento de produtos lácteos, sob pena de multa no valor de R$ 500 mil, em caso de reincidência. A Justiça deferiu ainda, em tutela provisória, a obrigação de não fazer que os investigados se abstenham de proceder à produção, o transporte e o fornecimento de produtos lácteos que não atendam às normas legais, também sob pena de multa de R$ 500 mil em caso de descumprimento. Ainda foram determinadas a quebra do sigilo bancário, fiscal e bloqueio de valores, bem como a indisponibilidade de bens imóveis e veículos de três pessoas, a fim de evitar a dispersão do patrimônio e garantir a devida indenização aos consumidores.


Notícias

Jornal da Manhã

Quarta-feira, 22 de junho de 2016

DESAPARECIMENTO

PC já crê em morte de idosa em Panambi Um caso de desaparecimento antecedido de um suicídio intriga a Polícia Civil de Panambi. Ainda na última segunda-feira, Ary Oldemar Schmidt, 69 anos, foi encontrado morto aos fundos da sua residência. O fato que já é tratado como suicídio aconteceu quase três dias depois do desaparecimento de sua cônjuge, Leonilda Springer, 67 anos. Embora não confirme a morte de Leonilda, a PC trabalha com total envolvimento entre os fatos. Para o delegado Carlos Beuter, responsável pelas investigações, já existem fortes indícios de que Ary tenha sido responsável pelo desaparecimento de Leonilda. "A Polícia Civil iniciou os contatos ainda na sexta-feira, e já suspeitando do Ary, intimou-o no domingo pela manhã para que no domingo à tarde ele pudesse comparecer à delegacia. Ele disse que não poderia vir, tinha compromissos. Ele não compareceu na DP e na segunda-feira fomos

PLANTÃO QUARTA VEZ - A Brigada Militar de Ijuí foi procurada por uma vítima de um roubo de uma carga de cigarros. Segundo repassado, a vítima, que conduzia um veículo carregado com centenas de pacotes, foi rendida às margens da BR-285, no entroncamento com a Rua Siqueira Couto. Segundo repassado pelo comando da Brigada Militar, trata-se da quarta vez em que o mesmo elemento é vítima do delito em Ijuí ou nos arredores. O caso será entregue à Polícia Civil e até o fechamento da edição não havia informações sobre suspeitos e valores. SUSEPE - Uma revista no Presídio de Taquara, no Vale do Paranhana, apreendeu 69 celulares, 60 carregadores de celulares, oito facas artesanais e 33 chips. Também foram localizados dois tabletes de maconha. Conforme o delegado penitenciário substituto da 1ª Delegacia Penitenciária Regional (DPR), Luciano Lindemann, a ação também cumpriu ordem judicial. A Susepe deve abrir procedimento interno para apurar a situação. Mais de 40 agentes participaram da ação.

informados de que ele havia sido encontrado enforcado nos fundos da sua residência. Tudo leva a crer que ele teve, sim, algum envolvimento com o desaparecimento da Leonilda", revelou o delegado Beuter em entrevista concedida ao Grupo JM. O responsável pelas investigações acrescentou que algumas diligências foram feitas, e já há a informação de vizinhos de que Ary foi visto em um constante entra-e-sai da casa do casal, onde teria estacionado o seu veículo de ré na garagem, prática que, segundo o delegado, também não era comum. Ary Schmidt foi encontrado morto, aos fundos da residência, entre uma árvore e um galpão. Uma escada e uma corda também foram localizadas junto ao corpo nas primeiras horas da manhã de segunda-feira, quando os vizinhos foram até a casa para perguntar por Leonilda. O delegado Beuter ainda revelou que não existem registros

referentes a desentendimentos entre o casal. Beuter, por outro lado, contou que um procedimento de separação já tramitava em nível de Justiça, e que uma audiência para tratar da separação já estava encaminhada e agendada. Questionado se a Polícia Civil está trabalhando com a hipótese de a vítima estar morta, Carlos Beuter ressaltou que embora tudo indique um homicídio precedido de uma ocultação de cadáver, "esperamos que ela chegue na delegacia bem, e nos narre que esteve viajando. Mas, pela prova construída, pela narrativa das filhas que já têm essa consciência, e pelo que os fatos nos indicam, é que ele deva ter feito um atentado contra a vida da Leonilda na quinta-feira à noite, e deve ter ocultado o seu cadáver nas imediações da cidade", concluiu. Até o fechamento da edição de ontem, não havia pistas sobre o paradeiro de Leonilda Springer. A Polícia Civil segue investigando.

Susepe projeta verbas para presídio da região Após uma fuga em massa de 21 detentos que cumpriam pena no presídio de Carazinho, autoridades realizaram uma audiência pública para discutir as más condições do prédio. A promessa é de que as reformas devem ser feitas, no entanto, isso vai depender da disponibilidade de recursos. Para fugir do presídio os detentos abriram buracos na parede de seis celas e também no teto para conseguir sair. A forma como ocorreu a fuga deixou evidente os problemas que a administração enfrenta com a falta de estrutura e condições do prédio construído há 60 anos. Para tentar evitar novas fugas, a principal medida é uma reforma emergencial, conforme apontou a Superintendência dos Serviços Penitenciários (Susepe) na reunião realizada ainda na segunda-feira. No entanto, apesar de ter sugerido a reforma, a Susepe não garante que terá recursos para realizar a obra. “Hoje, como é de conhecimento de todos, a questão financeira do Estado é bem delicada (...) estamos encaminhando uma solicitação de emergencialidade para que possamos alocar esse recurso e fazermos um reforço nas paredes internas e no

Superintendente da Susepe, Ane Stock

teto”, explica a superintendente da Susepe, Ane Stock. Após a reunião foi dado um prazo de uma semana para que seja dada uma resposta mais concreta sobre o problema. “Houve um comprometimento da parte da superintendene, no sentido de que pretende obter os recursos, e vai pleitear isso com o secretário de segurança e eu espero que ela tenha êxito”, afirma o juiz Guilherme Amorim. Dos 21 presos que fugiram no dia 10 deste mês, sete foram recapturados. O local abriga 221 pessoas, mas tem capacidade para 132.

11

BM evita execução dentro de hospital da região

Brigada Militar conseguiu evitar uma tragédia. Até o momento ninguém foi preso

A Brigada Militar conseguiu evitar que um homem fosse executado, na madrugada de ontem, dentro do Hospital Santo Ângelo, no Centro da cidade. De acordo com a polícia, um homem que foi vítima de uma tentativa de homicídio há alguns dias em razão da disputa pelo tráfico de drogas está internado em um quarto do hospital. A Brigada Militar recebeu a informação de que o paciente poderia ser alvo novamente e colocou uma guarnição de prontidão no hospital. Um homem tentou ingressar com uma faca no hospital e acabou sendo preso.

Ele foi encaminhado à delegacia de Santo Ângelo. O paciente não ficou ferido. Ainda segundo repassado pelo capitão Régis Copetti ao Jornal da Manhã, o suspeito teria confirmado que tinha a intenção de matar o paciente. O paciente está internado depois de ter sido alvo de disparos de arma de fogo, enquanto trabalhava no seu bar. Segundo informações, dois homens, a bordo de uma motocicleta, teriam desferido tiros contra o proprietário e dois garçons. Até o fechamento da edição, ninguém havia sido preso.

PF deflagra operação contra tráfico internacional A Polícia Federal deflagrou na manhã de ontem uma operação para desarticular uma quadrilha que adquiria drogas no Paraguai para distribuição na serra gaúcha. Foram cumpridos quatro mandados de prisão preventiva e cinco de busca e apreensão nas cidades de Caxias do Sul e São Marcos, no Rio Grande do Sul, e também em Florianópolis, em Santa Catarina. As investigações começaram em janeiro deste ano, após a fuga de três detentos da Penitenciária Industrial de Caxias do Sul. Após fugir, o grupo voltou a atuar no tráfico internacional de drogas, principalmente com cocaína e

crack, e também em roubos praticados em Santa Catarina, onde dois foragidos foram capturados em 7 de abril ao assaltarem um hotel em Florianópolis. Cinco pessoas foram presas em flagrante ao longo dos meses de investigação. Além disso, em abril, a PF apreendeu 12 quilos de cocaína em Vacaria, nos Campos de Cima da Serra. A droga foi trazida do Paraguai pelo grupo, conforme a PF. Ainda de acordo com a PF, também estão sendo sequestrados bens pertencentes aos investigados, avaliados em mais de R$ 2 milhões, incluindo veículos, casas e apartamentos em Caxias do Sul e Florianópolis.

As investigações tiveram início em janeiro de 2016

cmyk


Esporte

Jornal da Manhã

Quarta-feira, 22 de junho de 2016

Ijuí Drones promove seletiva

O Ijuí Drones está iniciando a preparação para a disputa da 4ª Copa Sul de Futebol Americano. A competição começa no final de julho e o time ijuiense jogará o campeonato pela terceira vez. A tabela da Copa Sul ainda não foi definida e o Estado terá como representantes as equipes do Ijuí Drones, do Restinga Redskulls e do Porto Alegre Bulls. O Santa Maria Soldiers, atual campeão gaúcho, jogará a Liga Nacional.A Copa Sul de Futebol Americano é um torneio interestadual realizado por equipes masculinas da região Sul do Brasil (Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul). No último sábado integrantes do Ijuí Drones estiveram no Estádio Beira-Rio, em Porto Alegre, palco da final do Campeonato Gaúcho, o Gigante Bowl. O jogo decisivo reuniu 12 mil pessoas e antes da final teve shows. O título foi conquistado pelo Santa Maria Soldiers, que venceu o Juventude

FA por 21 a 3. O campeão gaúcho de 2016 teve também um de seus jogadores como o melhor da partida. Guilherme Busanello foi eleito o MVP do jogo. Participaram da escolha profissionais de imprensa. Os destaques da competição foram estes: ataque- Cleiton PazRB-(Chacais); defesa- Kawan Pivatto-DL (Juventude); Special Teams-Maurício Faé-Kicker (Soldiers); Sub-20-Kauan dos Santos-CB (Snakes); CoachPaulo de Tarso-(Redskulls) e árbitro-Evandro Fernandes. O presidente do Ijuí Drones, Renan Junges (Boka), disse que a conquista do time santamariense foi justa. " O Santa Maria Soldiers teve um revés no começo do Campeonato que serviu para corrigir os erros. Quando enfrentamos eles percebemos que tínhamos pela frente um adversário muito forte É realmente a melhor equipe do Estado na atualidade". O Ijuí Drones promove no

Ceap fica em terceiro na Copa Estadual

O Colégio Evangélico Augusto Pestana (Ceap) participou no sábado, dia 11 da Copa Estadual de Ginástica, evento promovido pela Federação de Ginástica do Rio Grande do Sul. A competição foi realizada no Centro de Treinamento Esportivo, na capital gaúcha, e reuniu seis equipes nas categorias infantil e juvenil. Na disputa por equipes, categoria juvenil/adulta, a equipe de Ijuí, treinada pelo professor Raone Bianchetti, ficou com a terceira colocação, representado pelas atletas Camilli Marquezin de Lima, Julia

cmyk

Stiebbe Callai e Thaís Morgana dos Santos. No individual, a atleta Camilli Marquezin de Lima ficou em quarto lugar no juvenil, e no adulto Julia Stiebbe Callai também conquistou o quarto lugar. Além da equipe do Ceap de Ijuí, participaram Recreio da Juventude de Caxias do Sul, Escola Wanda Rocha Martins de Rio Grande, AACB de Bento Gonçalves, Ipanema Sports de Porto Alegre e Sogipa de Porto Alegre. O próximo evento da Ginástica será o Festival do Ceap em agosto no ginásio da escola.

DE PRIMEIRA JOGOS OLÍMPICOS

Ijuí Drones vai disputar a partir de julho a Copa Sul de Futebol Americano

próximo domingo, às 15h, no Complexo Poliesportivo, um Try Out. A seletiva é para novos atletas nas categorias adulto e sub-17. O

presidente Renan Junges lembra que é necessário levar documento de identificação e usar roupa adequada para o esporte.

Circuito de Corridas tem a quarta etapa

Acontece no próximo domingo a quarta etapa do 5º Circuito Regional de Corridas de Rua. A largada será às 9h da Praça da República, em Ijuí. Mais de 600 atletas deverão participar. Inscrições poderão ser realizadas neste endereço eletrônico: www. ucrsm.com. A primeira etapa do Circuito foi realizada em 20 de

março em Santo Ângelo com 430 atletas concluindo a prova. A segunda etapa ocorreu dia 24 de abril, em Entre-Ijuís e a terceira aconteceu dia 15 de maio em Horizontina. Depois de Ijuí acontecem ainda etapas em Santo Cristo, dia 10 de julho, em Cruz Alta, dia 11 de setembro e em Santa Rosa no dia 30 de outubro.

Caxias e Pelotas jogam hoje, às 20h, no Estádio Centenário, em Caxias do Sul, pela terceira rodada do quadrangular final da Divisão de Acesso. A arbitragem será Luiz Teixeira com os assistentes José Javel Silveira e Fabrício Lima Baseggio. Domingo, às 15h, no Vermelhão da Colina, em Fred-

erico Westphalen, atuam União e Brasil-Fa. O Pelotas lidera a fase decisiva da Divisão de Acesso com 4 pontos; segundo, Caxias e Brasil-Fa, 2 pontos. O último colocado é o União, com um ponto. Apenas o campeão do quadrangular garante vaga no Gauchão de 2017.

A Croácia venceu a Espanha por 2 a 1, ontem no Estádio de Bordeaux, em partida válida pela 3ª rodada da fase de grupos da Eurocopa. De virada, o triunfo garantiu aos croatas, com sete pontos, a liderança do grupo D, deixando os espanhóis, com seis pontos, na vice-liderança. Na próxima fase do torneio, os croatas irão enfrentar um dos melhores terceiros colocados – que ainda será definido – no próximo sábado, dia 25, no estádio Felix Bollaert. A Espanha, por sua vez,

irá enfrentar o primeiro colocado do grupo E, que deve ser a Itália, na próxima segunda-feira, dia 27, no Stade de France. Na outra partida da chave D a Turquia venceu a República Tcheca por 2 a 0. O resultado garantiu a Irlanda do Norte nas oitavas. A Polônia bateu a Ucrânia por 1 a 0, na chave C e avançou na competição para enfrentar a Suíça. A Alemanha derrotou a Irlanda do Norte por 1 a 0 e garantiu o primeiro lugar da chave C.

Caxias recebe o Pelotas no Estádio Centenário

Equipe do Ceap participou da Copa Estadual de Ginástica, em Porto Alegre

12

Espanha perde e fica em segundo na chave

Após o Comitê Olímpico Internacional (COI) reforçar a suspensão do atletismo russo dos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, uma decisão anunciada ontem irá reforçar a vigilância sobre todos os atletas do País. Em coletiva, o presidente da entidade, Thomas Bach, anunciou também que uma possível brecha será aberta, onde alguns dos russos poderão participar da competição. Segundo Bach, os atletas que comprovarem estar limpos de doping poderão defender a bandeira russa. Entretanto, mesmo com a comprovação, eles precisarão ser aprovados pela Federação Internacional de Atletismo(Iaaf). A punição se estende ao Quênia, País que também passou por recentes acusações de doping.

JOGOS COMERCIÁRIOS As equipes interessadas em participar dos 36º Jogos Comerciários, modalidade futsal masculino,feminino e veteranos, já podem retirar as fichas de inscrição junto ao Serviço Social do Comércio ( Sesc). Os jogos são destinados exclusivamente para empresas do comércio de bens, serviços e turismo, ou seja, poderão participar empresários, comerciários e seus dependentes. Durante o ano estarão em disputa ainda as modalidades futebol sete, futebol, canastra , bocha , voleibol e atletismo.

BRASILEIRÃO Paulão vai desfalcar o Inter nos próximos 15 dias. O zagueiro sofreu um estiramento leve na panturrilha direita na derrota para o Figueirense. Desfalca o Colorado nos próximos quatro jogos, entre eles o Gre-Nal , no dia 3 de julho, às 11h, no Beira-Rio. O Grêmio vem sofrendo com diversas baixas por conta de contusões. Para o meia Douglas, as sucessivas lesões musculares não têm a ver com a preparação física do clube. Em entrevista coletiva na manhã de ontem, ele elogiou o trabalho dos preparadores do Tricolor.A 11ª rodada do Brasileirão tem estes jogos hoje: às 19h30 jogam Chapecoense x Atlético-PR e Ponte Preta x Cruzeiro. Às 21h tem Botafogo x Figueirense; Santa Cruz x Flamengo; às 21h45, jogam Fluminense x Santos; e AtléticoMG x Corinthians. Amanhã serão realizadas estas partidas: às 19h15, Grêmio x Vitória; às 21h, São Paulo x Sport; e às 21h30, Coritiba x Inter.


Acontece

Jornal da Manhã

Quarta-feira, 22 de junho de 2016

13

Posse no Lions Na noite da última sexta-feira aconteceu a posse do novo presidente do Lions Cube Ijuí. Décio Dupont entregou a presidência a Élio Schuh, que dará continuidade ao trabalho pelos próximos dois anos.

Rotarianos responsáveis pela organização do Festival

Queijo & Vinho

Novo presidente do Lions Édio com a esposa Conceição Schuh e Nelsi e Decio Dupont, que entregou o cargo

O 22º Festival Queijo e Vinho promovido pelo Rotary Ijuí Colmeia lotou o Salão Nobre da Sociedade Ginástica na noite do último sábado. Diversos tipos de vinhos, queijos e complementos aqueceram a noite que culminou com a boa música da banda Os Caras, com a participação da cantora Denise Erthal, Péricles e a banda Aueras. Os recursos serão destinados a Sabeve e à Creche Trilha do Saber. Laerte Almeida e Cássia Mélo

Isolde e Ivan Ari Kühne

Paulo Cesar e Neide Scherer

Lucas Bruske e Ayana Silveira

Alisson e Tamiele Faccin

Café Colonial A BPW Ijuí - Associação de Mulheres de Negócios e Profissionais promove um Café Colonial no próximo dia 2 de julho, no Clube Ijuí. Haverá desfile de mães e filhos das lojas Comando Jovem, Nadine Dubal, Gema Infantil e Óptica Wolff. Convites com as promotoras e nas lojas apoiadoras, ao preço de R$ 25,00.

Cantina No próximo dia 30 de junho, o cantor João Chagas Leite fará show na Cantina Sapore D'Itália, a partir das 20h30, com lançamento de seu CD "Sol", o 15º de sua carreira. Reservas pelo 3332-7667 ou 9908-0074, com João Walter.

Neiva e Delmar Weiler no Jantar Rosa

Lucileia e Danilo Frizon em noite festiva na Sogi

cmyk


Jornal da Manhã

Quarta-feira, 22 de junho de 2016

Horóscopo

CIÊNCIA

"Voltar à Terra é como ter a pior ressaca do mundo"

Depois de seis meses no espaço, o astronauta britânico relata desconfortos desde sua chegada

Lucas surpreende Olívia com Miguel, e Cícero contém o filho de Tereza. Beatriz aparta a briga entre Bento e Santo. Lucas termina o namoro com Olívia. Santo conta a Padre Benício que aceitou trabalhar com Miguel e Olívia. Preocupado com a presença de Carlos, Cícero esconde de Afrânio que Miguel se encontrou com Olívia. Dalva questiona Cícero sobre a conversa que o jagunço quer ter com Tereza. Chico Criatura lamenta o rompimento entre Lucas e Olívia. Luzia se irrita ao ver Tereza na igreja. Encarnação surpreende Cícero sozinho na capela da fazenda.

Urna, em inglês Canoa ou jangada

Estado natal de Anita Garibaldi (sigla) A da China é o iman

Problema comum de atletas exaustos A Rainha do Frevo e do Maracatu O Quico de "Chaves", por sua característica física

Sobrecarga; peso

Melão, em inglês Ian Holm, ator inglês Mamífero de tromba Armazém de cereais

Local de desova do salmão Sombria

Contorno de luz Senhor (abrev.)

Prazer do fundista Loja real ou virtual de livros usados

Pequeno marsupial típico da Austrália

Hidrelétrica na divisa SC-RS (?) Clapton, guitarrista Condimento de sopa

"(?) comentário", clichê linguístico

Meia brasileiro da Copa de 94 (fut.)

A popular fruta-deconde (Bot.) A unidade do DVD, no computador

Proteção do goleiro na falta (fut.) O mais movimentado do Brasil é o de Guarulhos

BANCO

5

Solução

A C U D I R

Globo Beatriz aparta briga entre Bento e Santo

Abóbada arqueada Profissão de Oscarito

Menino travesso do folclore brasileiro "Reprimenda", no jargão policial

O

Velho Chico -

Emanação corporal invisível (Ocult.)

D

Globo Tancinha tenta fugir dos bandidos, mas é pega por Genésio Fedora briga com Camila por acreditar que a prima está armando contra seu casamento. Carmela e Beto tramam para afastar Tancinha de Apolo. Francesca conta a Apolo e Giovanni sobre Genésio. Teodora expulsa Camila de sua casa. Beto descobre que Tancinha despareceu. Genésio avisa a Francesca que está com Tancinha e deixa a feirante desesperada. Leozinho ameaça Agilson depois de se casar com Fedora. Tancinha tenta fugir dos bandidos, mas é pega por Genésio.

Fato, em inglês País socialista, é uma ex-colônia francesa na Indochina Corresponder às expectativas (numa tarefa)

"Terra em (?)", clássico de Glauber Rocha

P S A D R C Ã

Haja Coração-

(?) Maria Machado, escritora brasileira

F A L C A DA T O R S C O O L O N A N TA H U DO S R A E R I C T A A A D R T O

Anastácia pede que Pancrácio perdoe Candinho. Narcisa expulsa Ilde de casa, temendo sua proximidade com Lauro. Maria tenta alertar Anastácia sobre um possível plano de Sandra. Mafalda não sabe se quer casar com Romeu. Ernesto e Sandra conseguem os documentos para roubar as posses de Anastácia. Olga percebe a preocupação de Araújo. Cláudio questiona Araújo sobre sua operação. Filomena questiona os sentimentos de Mafalda por Romeu. Sandra expulsa Anastácia e Candinho de casa.

© Revistas COQUETEL

Reação de quem ouve uma boa piada

A R E N T I A R R A A U R N S B RA A M E R I O C H E C O D E C O A L E R E R A I R E I R E R OP O

Globo Sandra expulsa Anastácia e Candinho de casa

Síndrome da Alienação O atual (?): repúdi- valoriza um corpo o da crian- “sarado” Auxiliar; ça a um (Brasil) socorrer dos pais, instigado pelo outro genitor

O B S C U R A

Êta Mundo Bom -

PALAVRAS CRUZADAS DIRETAS

www.coquetel.com.br

E B S E L T E Z B A

NOVELAS

cmyk

em órbita voltaram com danos no fígado. Segundo os pesquisadores, os efeitos foram similares aos da doença gordurosa hepática não-alcoólica e um princípio de fibrose. “Geralmente, levam-se anos para desenvolver fibrose nos ratos, mesmo que tenham uma dieta pouco saudável”, explicou a física Karen Jonscher, que faz parte da equipe. “Se ratos apresentam sinais de fibrose sem alteração na dieta em 13,5 dias, o que pode acontecer nos humanos?”

cutivos em órbita, em um total de 340. Ele é atualmente a pessoa mais indicada para mostrar quais são os efeitos de longas viagens espaciais. O problema é que ainda não se sabe o que pode ocorrer com o corpo humano em viagens que durem mais do que isso. Isso sem falar na radiação cósmica e na falta que o campo magnético da Terra pode exercer sobre o corpo humano. Um estudo da Universidade do Colorado mostrou que ratos que passaram 13,5 dias

3/itá — urn. 4/eric — fact. 5/coala — melon — tecer. 8/parental.

O astronauta britânico Tim Peake afirmou estar vivendo “a pior ressaca do mundo” depois de sua estadia de 6 meses na Estação Espacial Internacional. Ele chegou ao planeta na semana passada e deve passar por um monitoramento de três semanas para se reacostumar à vida terráquea. “Você fica feliz por voltar, mas não dá para aproveitar bem a experiência porque, para ser sincero, você se sente horrível”, afirmou Peake a ITV News. Nas próximas semanas, o astronauta deve passar por uma bateria de exames, regime e monitoramento psicológico. Os médicos vão avaliar a causa da náusea e dos desmaios dos quais o astronauta tem se queixado desde que aterrisou no planeta. Entre os efeitos que a microgravidade causou no astronauta estão a fraqueza dos músculos e dos ossos. Segundo a agência europeia, os astronautas perdem 1,5% da massa dos ossos a cada mês que passam no espaço. Além disso, seu coração também diminuiu de tamanho — felizmente, por um período temporário. Em outubro de 2015, o astronauta Scott Kelly quebrou o recorde de dias conse-

14

Áries É possível que sinta uma agradável sensação de desassossego, um desejo de excitamento. Você tende a agitar as pessoas que estão à sua volta. É tempo de fazer coisas de forma diferente. Touro A oscilação das emoções gera embates, e a teimosia pode se tornar negativa. É tempo de expor seus sentimentos racionalmente, buscando equilíbrio entre os seus desejos e os do outro. Gêmeos Apesar de ter sempre uma resposta na ponta da língua, pode ser mais difícil entender sentimentos. No entanto, agora você pode conseguir verbalizar o que sente. É tempo de poder se expressar. Câncer A dificuldade em distinguir os sentimentos pode prejudicar as relações. É tempo de colocar cada coisa no seu lugar, para que as questões afetivas não interfiram na convivência com pessoas. Leão Ao estar de bem com a vida, você transparece isso para todos. O seu brilho é mais intenso quando o prazer se faz presente. É tempo de contagiar as pessoas com a energia que emana do coração. Virgem É possível que lhe forneçam oportunidades para que consiga sair um pouco da rotina e perceber que a vida é muito mais do que só trabalho. É tempo de enxergar para além das tarefas. Libra A razão é importante para a tomada de decisão. No entanto, ao racionalizar demais os fatos, a lógica pode perder o verdadeiro sentido. É tempo de seguir a intuição para decidir o que é justo. Escorpião Ao mergulhar nas profundezas do seu oceano psíquico, você tende a se distanciar das coisas mais simples da vida que o fazem feliz. É tempo de respirar fundo e ver as coisas com outro olhar. Sagitário Ao sonhar com um sentido para a vida, o caminho a ser percorrido é muito mais rico do que aquele com que não ousou sonhar. É tempo de aperfeiçoar o espírito e confiar na realização de sonhos. Capricórnio Cobrar de si atitudes é um meio de impulsionar o aprimoramento pessoal. Entretanto, se for muito rígido consigo mesmo pode chegar à exaustão. É tempo de tornar as coisas mais leves. Aquário Pode ser que não esteja a fim de aceitar que as coisas permaneçam como estão. Afinal, inovação é a alma do negócio. É tempo de agir para mudar as circunstâncias que passaram da validade. Peixes A identificação com o outro é uma forma de ser sensível. Se essa sensibilidade estiver muito aflorada, pode-se acabar absorvendo o que não se deseja. É tempo de incorporar só o que lhe faz bem.


Jornal da Manhã

Quarta-feira, 22 de junho de 2016

DIRETO DA FONTE Usina de Ideias - DACEC usina@unijui.edu.br

Cursos EaD: uma boa alternativa O Ensino a Distância (EaD) é uma alternativa escolhida por muitas pessoas atualmente, tendo em vista sua atuação concentrada, possibilitando facilidades aos que possuem pouco tempo para dedicar à formação superior. A Unijuí é rica em cursos desta modalidade. Um dos mais procurados é o curso a distância de Administração. De acordo com a coordenadora do curso de Administração da Unijuí, Lucinéia Filipin Woitchunas, o Departamento de Ciências Administrativas, Contábeis, Econômicas e da Comunicação (Dacec) possui cursos que são totalmente na modalidade EaD, como é o caso dos cursos de Administração, de Gestão Comercial e de Processos Gerenciais da Unijuí. “A Unijuí tem interesse em oferecer as condições necessárias para viabilizar acesso ao estudo e ao conhecimento. Na modalidade EaD, o aluno encontra diversas facilidades, podendo planejar o seu horário de estudo, contemplando atividades profissionais e viagens, por exemplo”, frisa. Além disso, os alunos que optam por essa modalidade ainda economizam em recursos financeiros, evitando deslocamentos, pois as aulas são realizadas 100% no ambiente virtual, sendo realizadas presencialmente apenas as provas ao final do semestre. “As aulas são realizadas no ambiente virtual em plataforma de simples manuseio desenvolvida pela própria Unijuí: o Conecta”, comenta. Outra possibilidade oferecida aos estudantes da área da Administração da Unijuí é estudar de forma presencial estipulando algumas disciplinas na modalidade EaD. Segundo a coordenadora, essa prática é muito utilizada pelos alunos. “Os cursos presencias, como no caso do de Bacharel em Administração, oferecem até 20% do seu currículo em disciplinas à distância, e, no Dacec, os cursos têm utilizado esta dinâmica. No caso do Curso de Administração, no regime presencial, o aluno pode cursar até oito disciplinas em EaD. Isso possibilita algumas vantagens ao aluno, como: antecipar o seu tempo de formatura e utilizar a plataforma virtual de aprendizagem, oportunizando outros formatos e formas alternativas para viabilizar o conhecimento”, finaliza.

15

BAIRRO HERVAL

Comunidade cobra Academia Dando continuidade à série de entrevistas com os presidentes de bairros, o Grupo JM conversou com a presidente do Herval, Sandra Martins, na tarde ontem. Segundo ela, muitas demandas daquela comunidade já foram atendidas, e outras ainda aguardam o cumprimento de promessas da administração municipal. Ela destaca o trabalho realizado em parceria com a equipe do ESF do Herval com a realização de mutirões de limpeza de combate ao mosquito da dengue. “Os problemas que tivemos na saúde, de falta de médicos, de medicamentos, tudo que foi reivindicado, foi atendido. Hoje,

não nos falta nada na área da saúde porque o bairro Herval não é muito carente, é bom de administrar”, conta Sandra. A realização da Operação Tapa-buracos foi realizada em metade do bairro, mas, de acordo com Sandra, em conversa com o prefeito Fioravante Ballin, ficou acertado que a ação será finalizada em alguns meses. “Esse é um pedido da diretoria, de algum tempo, e acredito que conseguiremos”, acrescenta. Por outro lado, a presidente destaca a necessidade de uma Academia ao Ar Livre, e que este é o foco do trabalho da diretoria do bairro. “O prefeito nos garan-

Associação Ijuí Futsal arrecada agasalhos

A Associação recolheu os agasalhos durante jogos promovidos no ginásio municipal

Sendo uma das participantes da Campanha do Agasalho 2016, a Associação Ijuí de Futsal (AIF) realizou arrecadação de agasalhos para doações durante dois jogos da associação. Os agasalhos e roupas recolhidas foram encaminhados para a Secretaria de Desenvolvimento Social (SMDS) pelo presidente do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (Comdica), Vanderlei Avila. De acordo com a titular da Secretaria de Desenvolvimento Social, Neiva Agnoletto, estão sendo recebidos muitos agasalhos para entrega à comunidade. "Viemos receben-

do muitos agasalhos com uma boa adesão, hoje nós temos em torno de 22 mil peças de roupa que foram doadas, recebidas de lojas e demais locais. Aproximadamente 60 pessoas por dia são atendidas e nenhuma dessas pessoas sai sem levar alguma peça de roupa", explica. Sobre a continuação da campanha, a secretária afirma que ainda estão sendo recolhidos agasalhos, principalmente infantis. "Estamos recebendo agasalhos, com mais necessidade no setor infantil e adolescente, pois o que está vindo para nós são na maior parte roupas de verão", finaliza.

da Paz do bairro São José. As fichas podem ser reservadas pelo telefone 3332 9467.

devem fazer o alistamento. Mais informações podem ser obtidas diretamente na Delegacia de Serviço Militar, na Rua do Comércio, 306 ou pelo telefone 3332 8482.

tiu que até o final do ano, embora esteja com contenção de gastos, está no planejamento da prefeitura para que venha para o bairro Herval. Essa é uma importante reivindicação do nosso bairro”, afirma. Sandra destaca que mantém um bom relacionamento com o poder público e sempre que precisou foi atendida pela administração e secretariado, principalmente quando foram registrados problemas na área da saúde. "Nosso bairro não tem muita carência, mas a comunidade nos cobra muito a questão do tapa-buracos e a Academia ao Ar Livre, que eles querem e precisam", reforça Sandra.

Sandra Martins

Estudante constrói casas para cães abandonados A aluna do curso técnico em móveis, Lyra Satiê, ultiliza a oficina da Escola Técnica Estadual 25 de Julho para construir casas para cachorros e protegêlos das baixas temperaturas. A estudante está recebendo doações da comunidade para auxiliar na confecção das casinhas. “Recebemos pregos, parafusos, madeira que as pessoas não utilizam mais, valores em dinheiro e também ajuda na entrega dessas casas”, afirma Lyra. Para melhor divulgar a ação, ela criou um grupo no Facebook, no qual muitos se mobilizaram e estão colaborando com a iniciativa. A aluna tem o apoio da Escola e do coordenador do cur-

so, Paulo Spinatto. As casas serão doadas para um abrigo que tem 32 cachorros que foram abandonados e mal tratados na rua. Depois, a outros cães que necessitam de um lar serão beneficiados. No momento uma casa está sendo finalizada, pois a estudante do técnico em móveis está produzindo sozinha. “Primeiramente eu queria proteger os gatos, mas como acompanho muitos blogs em defesa dos animais, descobri que eles conseguem se proteger do frio melhor que os cães”, finaliza. Interessados com a iniciativa podem doar materiais na Escola Técnica Estadual 25 de julho.

Coordenador do curso, Paulo Spinatto, mostra a casa construída pela aluna Lyra

SERVIÇOS LAR MEAME - No dia 3 de julho o Lar Meame realiza o tradicional almoço em benefício do lar. O valor adquirido será utilizado para melhorias do trabalho desenvolvidos com os acolhidos. Cardápio: galeto, massa com molho, arroz, cucas e saladas. O valor das fichas é de R$20 para adulto e R$10 para crianças. O almoço será na Comunidade Evangélica

ALISTAMENTO - No dia 30 de junho encerra-se o prazo de alistamento para prestação do serviço militar. A 8ª Delegacia de Serviço Militar, localizada em Ijuí, informa que os cidadãos da Classe de 1998 e anteriores

ACADEMIA DE SAÚDE Acontece neste sábado, a partir das 9h, a inauguração da academia de saúde do bairro Glória, localizada na Rua Sepé Tiaraju,

próxima ao campo de futebol. SAÚDE DO TRABALHADOR - Na próxima sexta-feira acontece reunião da Comissão Intersetorial de Saúde do Trabalhador, na Secretaria Municipal de Saúde, a partir das 8h. TOCHA OLÍMPICA - Na tarde de ontem, Ijuí recebeu o

Comando do Policiamento Rodoviário da Brigada Militar. O grupo está visitando os 28 municípios gaúchos que receberão o revezamento da Tocha Olímpica. Na ocasião, o trecho que receberá o evento foi vistoriado pelos integrantes do comando, acompanhados do coordenador de Esporte Rogério Dürks e do coordenador de Trânsito Glevando Maicá.

cmyk


www.jmijui.com.br

CUIDADO REDOBRADO

um lar no inverno

Professor do Técnico em Móveis da Escola 25 de Julho mostra casa para proteger cães abandonados construída por aluna. | 15

Famurs diz que prefeitos devem priorizar gastos Com a chegada oficial do inverno e as projeções de quedas nas temperaturas, população deve estar atenta ao utilizar dispositivos de aquecimento para evitar incêndios | 4

De acordo com a Federação, gestores devem investir mais na atenção básica e não aceitar programas que não tenham contrapartida. | 4

Ijuí Drones treina para a Copa Sul Equipe de futebol americano começou a preparação no Complexo Poliesportivo. Jogos têm início em julho | 12

Posto do Herval é referência na comunidade De acordo com a presidente do bairro, Sandra Martins, todos as questões foram sanadas e agora a saúde não é mais um problema grave para aquela população. | 15

EDITORIAL | 6 Os governadores comemoram o acordo com a União, mas, a confiança na economia brasileira ainda está longe de ser restabelecida.

cmyk

Sitepaginas  
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you