Page 1

www.jmijui.com.br

Ijuí, Quinta-feira, 7 de julho de 2016

Ano 43 - Nº 292

Falta de fiscalização reduz infrações por embriaguez Em Ijuí, três anos representaram uma queda de quase 50% dos dados, segundo Detran. | 5

R$ 3,00

Bira deixa candidatura nas maõs do PT Vice-prefeito também quer agregar outros fatores. | 7

Alunos da Apae têm tarde de vivências com cãoterapia A médica veterinária Eliana Serra levou sua Golden para passar uma tarde com as crianças da instituição. | 4 NESTA EDIÇÃO REGIONAL ANO 5 - Nº 400 - julhO DE 2016

Ana Amélia questiona ministro sobre curso de Medicina

TOCHA NA REGIÃO

Em Tupanciretã, a comemoração junina envolveu os grupos do Programa de Atenção Integral à Família. Pág. 3

Milhares de pessoas dos municípios da região acompanharam o revezamento da Tocha Olímpica, símbolo das Olimpíadas no Brasil. Pág. 4

hci realiza a 4ª captação de órgãos em 2016 Doador de Chiapetta teve rins e fígado retirados pela equipe de Captação de Orgãos. Pág. 8

Sicredi das Culturas RS promoveu diversas atividades na região para comemorar o Dia Internacional do Cooperativismo. Pág. 7

Em comissão, senadora citou caso da Unijuí, que aguarda definição do processo. | 5

cmyk


RADAR VOLTA DO FRIO - O aviso emitido pela Sala de Situação da Secretaria do Ambiente e Desenvolvimento Sustentável (Sema) alerta para a possibilidade de chuvas intensas nas regiões da Campanha, Oeste, Noroeste e Sul, nesta semana. As áreas de instabilidade que chegam ao Rio Grande do Sul estão associadas à aproximação de uma frente fria e à formação de uma baixa pressão atmosférica. As chuvas mais fortes serão rápidas, mas os acumulados podem passar dos 60 mm. Uma massa de ar frio também poderá baixar bastante a temperatura, fazendo retornar a sensação de tempo gelado no RS. CARTEIRA DE TRABALHO- A direção da Fundação Gaúcha do Trabalho e Ação Social (FGTAS) suspendeu o atendimento de encaminhamento de Carteira de Trabalho e Previdência Social (CTPS) nas Agências FGTAS/Sine. A decisão foi tomada em função das frequentes oscilações e quedas constantes do sistema do Ministério do Trabalho, que tem gerado demanda reprimida, extensas filas em frente às Agências FGTAS/Sine e, reiteradamente, impossibilitou a prestação do serviço.O atendimento será retomado quando encerrar a migração do sistema offline para online em todo o Brasil. Os trabalhadores que fizeram pré-agendamento de encaminhamento da Carteira de Trabalho serão atendidos, mas com restrições, uma vez que a instabilidade do sistema não garante o atendimento na hora marcada. NOITE DO PIJAMA - Na próxima sexta-feira, o Instituto de Idiomas Yázigi promove sua tradicional Noite do Pijama para o público Teen. Muitas atividades estão sendo planejadas para esta noite. Podem participar alunos, amigos de alunos e interessados em conhecer a escola. A faixa etária será de 11 e 12 anos. Informações pelo telefone 55 3332 9508. As inscrições já estão abertas. CONFIANÇA - Pesquisa realizada pelos alunos do Curso de Administração da Unijuí nos meses de maio e junho diagnosticou o menor Índice de Confiança do Empresário Varejista (ICEV), desde que o indicador foi criado e também as suas principais carências de capacitação. Participaram 172 empresários do setor varejista nos municípios de Santa Rosa, Três de Maio, Horizontina e Santo Cristo com o objetivo de identificar o grau de confiança que os empresários possuem em relação às suas atividades.

Jornal da Manhã

Quinta-feira, 7 de julho de 2016

OLHO DA RUA

INDICADORES

Poupança 7.7.2016 ..........................0,7270% Ouro 6.7.2016......................... R$ 144,00 (gr) Dolar Comercial (compra) ............ R$ 3,3346 Dolar Comercial (venda) ............. R$ 3,3357 Dolar turismo (compra) ............... R$ 3,2470 Dolar turismo (venda) ................... R$ 3,4700 Euro (compra) .............................. R$ 3,7017 Euro (venda) ................................. R$ 3,7029 IPC/FIPE Maio/ /2016 ...........................0,57% IGPM Jun//2016 .................................. 1,69% INPC/IBGE Maio/2016 ..........................0,98% IPCA Maio/ /2016 .................................0,78% IGP-DI-FGV Maio//2016 ........................1,13% UPF/RS 2016.................................. R$ 17,144 *valores acima de R$ 300,00

LOTERIAS Depois de vários dias de calor, o veranico de junho dá adeus e o frio de julho retorna ao Estado. Na noite de terça-feira a chuva já deu o ar da graça e desde ontem os casacos e cachecois saíram do guarda-roupa - novamente.

ENTRE ASPAS "Havia muitas pessoas vendo, assistindo a cena da abordagem do policial Luiz Carlos Gomes da Silva Filho ao veículo com meliantes. E um automóvel também parou bem perto. Isso atrapalhou e distraiu o policial militar na sua ação. E acabou assassinado", disse o comandante da Brigada Militar, coronel Alfeu Freitas Moreira. "Vivemos uma guerra assimétrica. De um lado, uma minoria fortemente armada, respaldada por leis brandas, por uma Justiça por vezes condescendente e por intelectuais que, não raro, relativizam sua crueldade. Do outro lado, toda a população brasileira, apavorada, desarmada e desamparada, amputada pela força estatal de seu direito de autodefesa", disse o deputado estadual, Marcel van Hattem (PP). "Ele só sairá se for algo muito vantajoso para o clube. Não pretendemos nos desfazer de Luan. Ele é um rapaz de cabeça tranquila. Não se abala com esses comentários", disse o presidente do Grêmio, Romildo Bolzan Júnior. "Estamos convencidos de que a medida vai influenciar positivamente na redução dos acidentes, já que se baseia em uma das regras de ouro da segurança no trânsito: ver e ser visto", disse o diretor-geral do DetranRS, Ildo Mário Szinvelski. "A obra de construção do Centro Clínico do Hospital da Brigada Militar mereceu nos últimos meses atenção especial do governo do Estado. Esta é uma antiga demanda da comunidade e, após a conclusão da obra, será ampliado o número de atendimentos e consultas aos segurados do Ipergs", disse o secretário de Obras, Saneamento e Habitação (SOPH), Gerson Burmann.

BLOQUEIO - A Justiça determinou ontem o sequestro de contas do Estado para garantir a manutenção do Instituto Psiquiátrico Forense (IPF), que foi interditado na terça-feira. A decisão bloqueia R$ 693.911,45, que deverão ser utilizados para contratação emergencial dos serviços de limpeza, cozinha e retirada de lixo infecto do IPF. Os serviços vinham sendo realizados por servidores e internos, o que foi proibido pela Justiça. O valor bloqueado não poderá ser utilizado para outro fim. PRIPYAT - Dez pessoas foram presas ontem na Operação Pripyat, que desarticulou uma organização criminosa que desviou dos cofres públicos cerca de R$ 48 milhões por meio de lavagem de dinheiro e fraudes licitatórias decorrentes de contratos da Eletronuclear entre 2008 e 2014. Ao todo, seis funcionários da Eletronuclear, empresa subsidiária da Eletrobras, foram presos preventivamente. Eles foram encaminhados para o sistema prisional e serão ouvidos ao longo da semana.

cmyk

2

Getúlio

NÚMEROS EXTRA-OFICIAIS

1º 2º 3º 4º 5º

-

65.298 29.913 64.430 21.891 32.570

QUINA

CONCURSO nº

4124

15 22 28 34 72 MEGA SENA CONCURSO nº

1834

02 07 22 24 48 51 LOTOFÁCIL CONCURSO nº

1384

03 04 06 08 09 11 12 13 15 18 19 20 22 24 25 PREVISÃO DO TEMPO Fonte: Climatempo


Notícias

Jornal da Manhã

Quinta-feira, 7 de julho de 2016

COFRES PÚBLICOS

Município vai intensificar cobrança da dívida ativa

A Comissão de Fiscalização e Arrecadação da Dívida Ativa Municipal irá intensificar a cobrança dos créditos tributários e não-tributários de pessoas físicas e jurídicas, que deveriam ter ingressado nos cofres da prefeitura. Atualmente o montante da dívida ativa fica em torno de R$ 8 milhões, entre débitos parcelados e não parcelados. Para reaver esses valores, a comissão fará a revisão da situação de cada contribuinte inadimplente e a análise de todos os parcelamentos e reparcelamentos em vigor. Segundo o coordenador de Cadastros e Tributos, Airton de Moura, a prefeitura já inscreveu em dívida ativa os devedores de tributos municipais referentes ao ano de 2012. Ele explica que após a inscrição em dívida ativa o débito pode ser protestado ou ir para execução fiscal. Ele frisa ainda que a cobrança aos devedores é feita em respeito aos contribuintes que pagam os impostos corretamente. “Encaminhada a certidão o contribuinte será intimado, em seu endereço ou por edital, para que efetue o pagamento do débito. Quem não estiver em dia com a prefeitura e tiver uma certidão de dívida ativa protestada sofrerá uma série de limitações, tais como a impossibilidade de realizar compras a

prazo no comércio, contratar com instituições financeiras e participar de licitações com órgãos públicos. Os dados disponibilizados pela prefeitura poderão ser consultados por órgãos como SPC, Serasa, Cadin, bancos, lojistas e agentes financiadores de imóveis e automóveis”. O contribuinte que desejar regularizar o débito e retirar o nome da dívida ativa deverá ir até a Secretaria da Fazenda, junto ao balcão de atendimento do IPTU ou do ISS, e solicitar a emissão da guia, que deve ser paga nos bancos Banrisul, Caixa Econômica Federal, Banco do Brasil ou na agência central dos Correios. Ele informa ainda que os contribuintes que têm direito a isenção no pagamento do IPTU exercício de 2017 já podem fazer o pedido do benefício no setor de Cadastros e Tributos da prefeitura até o dia 30 de novembro. A solicitação pode ser feita por aposentados, pensionistas e portadores de necessidades especiais ou doença grave, conforme o Código Tributário Municipal, em seu art. 194. "A isenção referese somente ao imposto, a taxa de coleta de lixo, que é cobrada normalmente no mesmo boleto do IPTU, não é abrangida pela isenção", explica o coordenador de Cadastros e Tributos.

Poupança tem saque recorde no semestre A fuga dos investimentos da caderneta de poupança no primeiro semestre deste ano chegou a R$ 42,606 bilhões, o maior volume da série histórica do Banco Central (BC) iniciada em janeiro de 1995 (21 anos). Até então, a primeira metade de 2015 era a responsável pelo pior resultado da aplicação, com um volume de saques R$ 38,542 bilhões superior ao de depósitos. O aumento do total de retiradas líquidas nos seis primeiros meses de um ano para o outro foi de 10,5%.

Esse resultado do acumulado de janeiro a junho de 2016 é formado por depósitos de R$ 941,837 bilhões e retiradas de R$ 984,443 bilhões. O pior momento dos últimos 21 anos para a caderneta de poupança foi em janeiro deste ano, quando os saques líquidos ficaram em R$ 12,032 bilhões. Nos meses seguintes, o resultado continuou negativo: R$ 6,639 bilhões em fevereiro, R$ 5,380 bilhões em março, R$ 8,246 bilhões em abril e R$ 6,592 bilhões em maio.

3

Brasileiros não investem para a aposentadoria Mais da metade dos brasileiros com vida economicamente ativa não se preparam para a aposentadoria, contando apenas com o benefício do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) para quando parar de trabalhar. É o que revela pesquisa divulgada na terça-feira, pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC) Brasil. O estudo indica que 74,1% dos trabalhadores contribuem de alguma forma para o INSS, seja como assalariado ou autônomo, mas, excluindo a previdência pública, seis a cada dez entrevistados disseram não fazer nenhum tipo de investimento visando a aposentadoria. Para a economista-chefe do SPC, Marcela Kawaut, a pesquisa confirma uma impressão já corrente entre os especialistas: os brasileiros não se previnem contra a redução de renda que

terão quando precisarem parar de trabalhar. “E quanto mais velhos, mais caros os planos de saúde e maior a propensão a ter problemas de saúde que necessitem remédios caros”, alerta. Além de o benefício do INSS ter um valor bastante reduzido em relação à renda ativa, a economista destaca que a aposentadoria pública pode vir a se tornar ainda mais restrita com as mudanças na Previdência Social, hoje discutidas pelo governo. Por essa razão, é recomendável algum tipo de aplicação que possa prover um complemento financeiro no futuro. Mais que a desinformação, contudo, o estudo revela que a falta de recursos é a principal razão para o brasileiro não se preparar para uma aposentadoria condizente com sua condição de vida atual.

Airton de Moura

Para solicitar, aposentados e pensionistas precisam apresentar documentos que comprovem a necessidade de receberem o benefício. Moura ressalta ainda que para efeito de isenção do IPTU, considera-se como único imóvel também aquele com mais de uma unidade residencial construída no terreno, não isentas, que seja ocupada por familiar, ascendente ou descendente do beneficiado. De acordo com ele, a terceira parcela do IPTU 2016 vence no próximo dia 15.

Situação das cooperativas será avaliada As cooperativas de energia estavam entre as principais pautas discutidas ontem em Brasília. Além de um debate promovido na Câmara dos Deputados, o assunto foi levado ao ministro de Minas e Energia, Fernando Coelho Filho. A principal dificuldade enfrentada atualmente por essas empresas é a possibilidade do fim de subsídios que permitem que o custo da energia chegue mais ameno ao consumidor final. O deputado federal Alceu Moreira (PMDB/RS), presente nos dois eventos juntamente com representantes das cooperativas e outros parlamentares, comenta que o ministro não tinha conhecimento do problema, contudo irá designar um grupo de trabalho para levantar informações e se posicionar sobre o tema. "Não é possível as cooperativas operarem com dificuldades financeiras ou seus clientes serem onerados com elevados aumentos nas contas de luz", defende Moreira. O deputado detalha que o Decreto nº 4541/02 determinou que, dependendo da realidade de cada

A situação das cooperativas de energia do País foram debatidas em Brasília

cooperativa, a companhia teria reduzido o desconto dado para a energia distribuída. Conforme a norma, muitas dessas empresas irão perder o subsídio neste ou nos próximos anos. A proposta de Moreira é alongar o incentivo concedido às organizações até 2030. Moreira ressalta a importância das cooperativas que levam energia para lugares afastados como, por exemplo, zonas rurais. "O

fechamento ou absorção dessas organizações por grandes distribuidoras teria um enorme impacto social", enfatiza. O cancelamento do benefício para as companhias tem datas e valores diferentes, entre 2016 e 2018, de acordo com a revisão tarifária e o tamanho do subsídio recebido por cada empresa. Segundo Moreira, somente no Rio Grande do Sul, mais de 1 milhão de pessoas são atendidas por cooperativas de energia.

cmyk


Notícias

Jornal da Manhã

Quinta-feira, 7 de julho de 2016

TARDE DE VIVÊNCIAS

Cãoterapeuta interage com crianças na Apae A Wave Ultrassonografia Veterinária, de responsabilidade do médico veterinário Fernando Marin, promoveu na noite de terça-feira a palestra beneficente Diferenciação das Doenças Renais em Cães e Gatos. Destinada a veterinários e a todos os demais interessados, foi ministrada pela especialista em Ultrassonografia Geral, doutora Eliana Guglielmetti Serra, de São Paulo. Para ingresso na palestra, foi solicitada a doação de um pacote de fralda adulto mais um shampoo infantil ou um sabonete. Na tarde de ontem, as doações foram entregues à Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais de Ijuí (Apae), por Eliana. Aproveitando a visita, a doutora realizou atividades com Lua, cão de terapia hospitalar, com os alunos da instituição. As crianças interagiram passando a mão, conversando e até mesmo beijando Lua. Desde 2007, Eliana vive acompanhada de sua cãoterapeuta Lua, uma Golden. Filha de cães treinados canadenses, Lua foi escolhida por ser a mais dócil, carinhosa e, mesmo pouco sociável com os demais cães, era a que mais

Eliana auxilia no momento de interação entre Lua e as crianças, na Apae

interagia com as crianças. A partir dos três meses, Lua passou a ser treinada, nessa fase a obediência com o pai e a mãe, a ser dócil e as brincadeiras. Depois passou por um adestrador que a treinou junto com Eliana na parte de lhe conduzir como se fosse um cão guia de cego. Porém, um cão guia de cego, ninguém pode tocar, nin-

guém pode interagir, porque ele tem que estar sempre alerta. Por isso, o treinamento foi adaptado para que Lua interagisse. Assim, Lua sabe de suas responsabilidades, e pode guiar tanto um cego quanto desenvolver o trabalho de cãoterapeuta hospitalar. Nos hospitais, Lua ensina crianças cegas a andar e interage com autistas.

Unijuí lança ingresso extravestibular Em comemoração aos 60 anos do Ensino Superior na região, a Unijuí lançou na terça-feira duas alternativas para custear a educação superior na universidade. “Estamos comemorando os 60 anos do Ensino Superior na região, uma data marcante, uma trajetória de sucesso, e entendemos que temos que criar alguns elementos que possam materializar essas nossas festividades. Nessa linha, o Conselho Universitário aprovou duas novas formas de subsídios para os estudantes da Unijuí: o programa Indique e Ganhe e o programa Diplomados”, explicou o reitor Martinho Kelm. Segundo o reitor, esses programas visam dar melhores condições para que as pessoas invistam em educação. “É um projeto ousado para a universidade e vantajoso para o estudante, que foi gerado após muita análise e aprovado pelo Conselho Universitário”. Segundo Kelm, os benefícios são possíveis devido à modalidade de ensino que a Unijuí oferece por ser uma universidade comunitária. “Uma universidade comunitária reinveste seus ganhos em bolsas, projetos e

cmyk

qualificação e é capaz de ouvir, entender e produzir respostas aos desafios colocados pela comunidade em que está inserida, e o desafio que se apresenta aqui é o desenvolvimento pela educação, temos que saber ouvir isso e transformar em benefícios para o estudante”, salienta. Os candidatos que optarem pela modalidade de Diplomados, devem solicitar seu ingresso na Unijuí pelo Extravestibular e efetivar a matrícula. Se o candidato é formado pela Unijuí terá o benefício de desconto de 40%. Aqueles que se formaram em outras instituições de ensino têm desconto de 30%. O desconto vale durante toda a graduação. As vagas são para os cursos de Administração (presencial); Ciências da Computação; Ciências econômicas; Comunicação Social (Publicidade e Propaganda); Jornalismo; Educação Física (licenciatura); Enfermagem e Fisioterapia, para o câmpus de Ijuí. Para Santa Rosa, as vagas são para o curso de Administração (presencial); Ciências da Computação e Educação Física (licenciatura). Para Três Passos e Panambi o curso de Administra-

ção (presencial) tem vagas. As inscrições encerram no dia 26 de julho. O programa Indique e Ganhe funciona da seguinte forma: o estudante da universidade, de qualquer campi, pode indicar estudantes interessados em concluir a graduação, anteriormente iniciada na Unijuí e que não conseguiu concluir, ou estudantes de outras instituições e que queiram solicitar a transferência para a Unijuí. Se o estudante A indicar o estudante B, o estudante A irá receber durante todo o curso o desconto de 20%. Além disso, o estudante que está indicando, aquele que não conseguiu completar o curso e pela indicação retornou à universidade, pode indicar mais quatro estudantes. Para cada um desses outros quatro estudantes que indicar, ele irá receber um desconto de 10%. Isso significa que o estudante da Unijuí que está indicando pode receber um desconto de até 60% em todas as mensalidades dele, inclusive até o final do curso, ou seja, irá pagar 40% do curso. Nesta modalidade, as inscrições encerram-se no dia 5 de agosto.

4

Vacinação contra a pólio terá alterações A partir da próxima campanha de vacinação, prevista para setembro, apenas crianças entre seis meses e cinco anos de idade que não tenham completado o esquema vacinal contra a poliomielite serão imunizadas. Até a campanha do ano passado, todos dessa faixa etária tomavam reforço anual da vacina, como forma de evitar que alguns ficassem sem a dose. Desde o começo de 2016, o esquema vacinal contra a poliomielite passou a ser três doses da vacina injetável – aos 2, 4 e 6 meses, e mais duas doses de reforço com a versão oral, conhecida como gotinha, aos 15 meses e aos 4 anos. Na campanha de setembro deste ano, deverão ser vacinadas apenas as crianças que não tomaram as

cinco doses. Até o ano passado, as crianças recebiam duas doses injetáveis, aos 2 meses e aos 4 meses de vida. Aos 6 meses, aos 15 meses e anualmente até os 5 anos de idade eram dadas doses orais. Mesmo prevendo o reforço, o Ministério da Saúde enfatiza que as três doses injetáveis já garantem a proteção. A campanha de vacinação contra a poliomielite, também conhecida como paralisia infantil, ocorre todo ano no segundo semestre. Em nota, o Ministério da Saúde ressaltou que a variação do mês da campanha, de um ano para o outro, não prejudica a imunização da população, pois a poliomielite está erradicada no Brasil desde 1990.

Liga auxilia pessoas carentes com câncer A Liga Feminina de Combate ao Câncer de Ijuí se dedica às pessoas carentes com câncer. Cada uma delas tem um cadastro na entidade, recebe a medicação necessária, uma cesta básica por mês, roupas, calçados, também há disponibilidade de cadeiras de rodas e para banho àqueles que necessitam, perucas para mulheres, além de apoio e carinho. Para fazer parte do trabalho da entidade, a pessoa deve apresentar comprovante de renda. “Normalmente o Centro de Alta Complexidade em Oncologia (Cacon) nos encaminha as pessoas carentes”, explica a presidente da Liga, Ivone Franzen. Atualmente a entidade presta assistência a 108 pacientes de Ijuí e 216 pacientes da região. Além disso, a Liga realiza um trabalho de apoio ao Cacon, que consiste no envio de leite, bolacha e chá no inverno, com a inclusão de iogurte no verão, por meio de um supermercado, todas as semanas. “É uma distribuição geral, porque não há

maneira de ver quem necessita e quem não necessita e é direcionado a quem faz quimioterapia e radioterapia”, conta Ivone. A Liga Feminina de Combate ao Câncer é formada somente por voluntárias e as pessoas que desejam contribuir com o trabalho podem fazer por meio do Departamento Municipal de Energia Elétrica de Ijuí (Demei). “Fazem uma ficha conosco, que enviamos ao Demei, e vem uma quantia na conta de luz de R$ 10 ou R$ 20”, acrescenta. No entanto, as doações de dinheiro, roupas, calçados e alimentos também podem ser feitas diretamente na sede da Liga, localizada na Rua 20 de Setembro, nº 31, no Centro. Mais informações podem ser obtidas pelo telefone 3333- 3944. Todos os meses, a Liga realiza dois brechós. Um com valor mais elevado, variando de R$ 15 a R$ 30. E, hoje, acontece o brechó com peças de valor mais acessível, com variação entre R$ 1 e R$ 5.

A Liga Feminina de Combate ao Câncer está localizada na Rua 20 de Setembro


Notícias

Jornal da Manhã

Quinta-feira, 7 de julho de 2016

EMBRIAGUEZ AO VOLANTE

Falta de fiscalização reduz infrações em Ijuí Caíram quase pela metade as infrações por embriaguez ao volante no município de Ijuí. Os números, no entanto, não refletem o aumento na conscientização dos condutores locais e, sim, a redução drástica nos trabalhos fiscalizatórios do Município e do Estado. Os dados foram levantados junto ao Departamento Estadual de Trânsito (Detran). Ainda no mês passado, a Lei Seca completou oito anos e segundo o governo do Estado, as autuações pela nova legislação triplicaram. Tal qual a evolução da lei, políticas públicas como a Balada Segura e o Viagem Segura também ganharam corpo, e dessa forma as autuações aumentaram. Por outro lado, de 2013 a 2015, os números tiveram uma queda gradativa e isso aparece como reflexo da crise orçamentária vivida em todo o País. Em Ijuí, por exemplo, o ano de 2013 contabilizou 377 autuações por embriaguez. No ano seguinte, em 2014, o número desceu mais um pouco e ficou em 344. Em 2015, a maior queda: "só" 227

Em abril as autoridades conseguiram realizar algumas blitzes. Agora, indefinição

condutores foram flagrados em condições de embriaguez, uma redução de quase 50%. A tendência, inclusive, é que os números caiam ainda mais. Além da fragilidade financeira das esferas do Executivo, não há uma previsão para que os trabalhos sejam retomados. "Não sei dizer quando teremos operações do Balada Segura daqui para frente. Pode ser que sejam feitas na semana que vem como pode ser que aconteçam daqui um mês,

dois. Enfim, não temos previsão", revelou o coordenador de Trânsito em Ijuí, Glevando Maicá. Ainda no final de março, autoridades locais anunciaram o retorno da Operação Balada Segura no município. Na ocasião, a meta era a realização de, pelo menos, quatro blitze por mês. Em abril a meta foi cumprida, no entanto, no mês seguinte a ideia foi arrefecida e permaneceu na condição que está até hoje: sem prazo para o retorno.

5

Fetran encerra ações educativas nas escolas Desde março, escolas da rede municipal de Ijuí e da região receberam as atividades do Festival Estudantil Temático de Trânsito (Fetran). Dentro das escolas, o Fetran desenvolveu nas crianças uma iniciativa em relação à educação no trânsito, cidadania, mudança de comportamento e valor à vida, ações que foram promovidas pela Polícia Rodoviária Federal (PRF). Na manhã de ontem, as escolas, PRF e comunidade participaram do encerramento das atividades. No evento, as crianças que participaram das atividades desde o início do ano letivo realizaram apresentações e mostra de trabalhos que foram desenvolvidos. Na oportunidade, o comandante da PRF em Ijuí, Edmilso Schopf, falou que as ações são produtivas, positivas e necessárias. “Através das crianças, estamos mobilizando parentes, amigos e familiares, na intenção de um trânsito mais seguro e mais humano para todos”. Vera Martins Granville, coordenadora pedagógica da Escola Dona Leopoldina, escola que recebeu as atividades, comenta que as atividades foram muito importantes para o desenvolvimento dos alunos. “Acredito que o que se faz nessa fase da vida

(infância) tem um grande retorno, porque as crianças conhecem as ações e acabam levando para as famílias e, consequentemente, para a comunidade escolar”. O Fetran é um projeto de educação para o trânsito que utiliza atividades pedagógicas e inclui transversalmente a temática Trânsito no cotidiano escolar. Com o slogan Transformando atitudes para salvar vidas, o Festival tem como objetivo conscientizar crianças e adolescentes sobre a responsabilidade de todos na segurança no trânsito e irá abranger escolas dos municípios de Ijuí, Bozano e Coronel Barros. Os estudantes e professores produzem trabalhos com a temática Trânsito em diferentes modalidades. Vera diz, ainda, que as atividades de educação no trânsito devem ter continuidade na escola. “Temos a ideia de produzir uma cartilha, com orientações, que deve ser entregue às famílias e comunidade”. O superintendente da PRF do Estado, Rafael Simon, destacou que o Festival é importante uma vez que as crianças são sensibilizadas e repassam para os adultos, “chamando a atenção dos pais quanto à segurança no trânsito”, diz. “Estamos felizes e satisfeitos em poder desenvolver essas atividades”.

Ministro defende comunitárias

Encerramento das atividades ocorreu na manhã de ontem no Salão de Atos da Unijuí

Ministro participou de comissão e foi questionado pela senadora sobre o trabalho das instituições comunitárias

O ministro da Educação, Mendonça Filho, participou na manhã de ontem da reunião da Comissão de Educação, Cultura e Esporte do Senado. Na ocasião, a senadora Ana Amélia (PP-RS) aproveitou a presença do ministro para questioná-lo sobre os novos cursos de Medicina no Rio Grande do Sul, citando os casos específicos da Unijuí, em Ijuí, e da Unisinos, em São Leopoldo. Em sua fala, Ana Amélia defendeu que sejam priorizadas as instituições com ligação às co-

munidades, posição endossada por Mendonça Filho. "A Unisinos e a Unijuí estiveram conosco e expresso minha visão de que universidades e instituições de ensino de caráter regional precisam ser valorizadas e prestigiadas. Neste aspecto, os estados de Santa Catarina e do Rio Grande do Sul nos apresentam exemplos muitos significativos na área da educação comunitária, no âmbito da educação superior particularmente. Isso é um legado muito positivo ao Brasil, e é algo que será valorizado na nossa gestão

no MEC. Tanto quanto possamos prestigiá-las e valorizá-las, faremos isso com enorme alegria, pois estaremos reconhecendo um trabalho histórico, profundo e consistente das universidades comunitárias, especialmente nos estados do Sul", afirmou o ministro em resposta à senadora. A decisão sobre os cursos de Medicina está parada, aguardando julgamento do Tribunal de Contas da União (TCU) em virtude de mudanças no edital do processo de escolha das universidades.

Presidente da Estácio volta ao Conselho Após o anúncio da compra Estácio pelo Grupo Kroton, o presidente da universidade, Chaim Zaher, maior acionista individual da Estácio, renunciou na última quarta-feira à presidência da companhia, cargo que assumiu há pouco mais de um mês. A partir de agora, o empresário retorna ao conselho da empresa, onde poderá acompanhar ativamente as negociações e decisões sobre os termos do acordo que podem levar a formação de um gigante educacional privada,

com aproximadamente 1,5 milhão de alunos. No início do mês, o Grupo Kroton anunciou a compra da Estácio, operação que está avaliada em mais de R$ 5,5 bilhões. Os termos foram aceitos pelo antigo conselho da Estácio, quando Zaher assumia a presidência. A concretização da compra ainda deve ser analisada e depende de uma nova reunião dos conselheiros, que ocorre amanhã. A compra da Estácio acabou gerando uma incerteza nas demais universidades.

cmyk


Jornal da Manhã

OPINIÃO

Quinta-feira, 7 de julho de 2016

A FRIEZA DOS NÚMEROS

A

inda no mês passado, o governo do Estado divulgou números referentes às infrações por embriaguez ao volante. O destaque foi dado a partir dos oito anos de vigor da Lei Seca, considerada por muitos, o principal marco no combate à violência no trânsito. Na ocasião, a ênfase foi dada ao fato de que os números triplicaram no referido período. Ao longo desses anos alguVejamos a capacidade metamórfica dos números: pelo viés do governo do Estado, é muito mais imponente explorar o aumento da fiscalização tirando proveito do enrijecimento da lei, em 2008.

mas políticas públicas foram implantadas e corroboraram essa força-tarefa como as operações Balada Segura e Viagem Segura. No entanto, tamanha repercussão foi dada amparada na frieza dos números. Comparar a fiscalização adotada a partir da implantação da Lei Seca parece claro oportunismo. A página 5 da edição do Jornal da Manhã de hoje apresenta os números de Ijuí, comparado a eles mesmos em um curto espaço de tempo. De 2013 para 2015, por exemplo, a queda se aproximou dos 50%. Nesse ano de 2016, onde oficialmente os órgãos

competentes realizaram quatro operações Balada Segura, a tendência é que essa proporção caia ainda mais. Vejamos a capacidade metamórfica dos números: pelo viés do governo do Estado, é muito mais imponente explorar o aumento da fiscalização tirando proveito do enrijecimento da lei, em 2008. Parece óbvio um aumento. Por outro lado, um levantamento feito pela reportagem mostra queda nas infrações referentes a embriaguez ao volante. Poderia, mas não quer dizer que a redução reflete a conscientização dos condutores de Ijuí. Estamos diante da ausência dos trabalhos fiscalizatórios devido a uma abissal crise financeira em todas as esferas, que acaba resultando na queda vertiginosa dos índices. Tamanhos apontamentos direcionam o raciocínio para uma ciranda de incoerências: Usa-se o aumento da fiscalização comparado a números insípidos para simplesmente dizer que a rigidez aumentou. Usa-se a queda dos números para ilustrar uma conscientização das mesmas pessoas que procuram blitze em redes sociais. Usa-se o aumento dos números para referir melhorias. Entre tantos usos, a verdade é que tudo é questão de ponto de vista.

PONTO DE VISTA

Elizabete dos Santos Gerente de Recursos Humanos do Hospital de Caridade de Ijuí (HCI) fala sobre convênio da instituição com a Unijuí

O que é o convênio de cooperação técnica científica educacional e cultural mantido entre o HCI e a Unijuí desde 1992? É um convênio que há 24 anos a gente possui com a Universidade, e ele vem para reforçar a relação que temos com os estágios, que seriam as práticas, que ocorrem no Hospital, de todos

Jornal da Manhã GRÁFICA E EDITORAJORNALÍSTICA SENTINELA LTDA. CNPJ: 87.657.854/0001-23

Fundado em 1º de Maio de 1973

os cursos da área da saúde, principalmente da Enfermagem, Nutrição e Fisioterapia. Na medida em que estão encerrando os cursos, os alunos precisam fazer essa parte prática, e o Hospital é um campo de estágio onde eles aplicam o que aprenderam ao longo dos anos de estudo. Essa parceria foi renovada para quanto tempo? A renovação é para mais dois anos, mas a cada dois anos sentamos para rediscutir essa relação, para ver o que podemos melhorar e acrescentar. É um benefício tanto para o HCI quanto para os acadêmicos? Com certeza, vem reforçar uma relação que vem sendo cada vez mais próxima. Os alunos vêm ao Hospital para aprimorar a prática, e o que a gente percebe do benefício que trará para o HCI é que depois de o aluno formado, ele vem a ser nosso colaborador e já vem com conhecimento do que acontece dentro da Instituição. Há uma média de quantos acadêmicos ingressam no estágio no Hospital? Temos uma média de 300 alunos por semestre.

Diretor: Edmundo H. Pochmann Editora: Jocelaine Simão redacao@jornaldamanhaijui.com

Rua Albino Brendler, 122 Centro - 98700-000 IJUÍ/RS Cx. Postal 518 - (55)3331-0300

cmyk

Jornal da Manhã: (55) 3331-0300 atendimento@jornaldamanhaijui. com Rádio JM: (55) 3331-0301 radio@jornaldamanhaijui.com Representantes Comerciais: Grupo de Diários

www.jmijui.com.br

6

ARTIGO

Residentes rurais, uma safra de violência Afonso Hamm Deputado federal (PP-RS) A segurança pública é uma das questões que mais preocupam os gaúchos. Além de conviver com o medo de ter sua propriedade invadida e seus bens surrupiados, há o pavor da violência com que muitas vidas estão sendo ceifadas pelos criminosos que o sistema não consegue tirar de circulação. Amplamente discutido nas áreas centrais dos municípios, onde é possível perceber o número insuficiente de policiais e as consequências dessa defasagem, esse assunto não é abordado com a mesma profundidade em relação às áreas rurais, que abrigam centenas de famílias que não dispõem de sinal de telefone, de internet, tampouco, de agentes fazendo a ronda. Há um custo muito alto quando um produtor abandona a agricultura em busca de melhores condições na cidade, mas também há um risco grande quando ele permanece no interior sem que seus direitos sejam assegurados. Justamente para levar segurança ao campo, que projetos como o porte rural de armas deveriam ser mais discutidos pela sociedade. Não estamos falando de liberar o acesso às armas, mas de possibilitar que residentes em áreas rurais que atenderem a uma série de requisitos possam portar arma de fogo, visto que na maior parte dessas localidades o acesso ao socorro é ainda mais dificultoso. Outro fator que castiga quem reside no meio rural é a falta de recursos para garantir a segurança do seu patrimônio, adquirido debaixo do sol ou quebrando geadas. São maquinários que, muitas vezes, foram duas ou três safras de trabalho para pagar. Cada vez que um animal é furtado ou sacrificado, significa que a renda de uma família está comprometida. Não somente pelo prejuízo do abigeato, mas porque seu sustento depende da produção do leite, do queijo e da carne que seriam comercializados. Por estar isolado e desprotegido, o agricultor vê sonhos de uma vida sendo arrancados. Precisamos provocar discussões que possam trazer alternativas e respostas aos proprietários e trabalhadores rurais, sem esquecermos que há famílias que não estão sendo atendidas. E são elas, de fato, que fazem a roda da economia girar, já que o campo é a base de sustentação da cidade.

Artigos assinados são responsabilidade de seus autores. Para publicação, os artigos devem ser enviados com identificação do autor (nome completo, documento, endereço e fone) em fonte times, corpo 10, entrelinha 11, com até 30 linhas, para o e-mail redacao@jornaldamanhaijui.com

Impressão em Off-Set Rotativa Cia de Arte CNPJ 92.107.978/0001-75 Rua Albino Brendler, 146 - IJUÍ/RS (55) 3331-0318 | 3331-0320 (após às 18h)

ciadearte@jornaldamanhaijui.com

ASSINATuRAS E CIRCuLAÇÃO: (55) 3331-0315 | 3331-0316 3331-0317 Semestral: R$ 200,00 Anual: R$ 400,00 Correio: R$ 400,00 (semestral); R$ 800,00 (anual)


Notícias

Jornal da Manhã

Quinta-feira, 7 de julho de 2016

ELEIÇÕES MUNICIPAIS

Bira espera decisão do PT para disputar a prefeitura O vice-prefeito Ubirajara Teixeira, do PT, anunciou no mês de março que não concorreria à prefeitura de Ijuí neste ano. Candidato natural do partido após oito anos na prefeitura, ele alegou motivos pessoais para declinar da disputa antes mesmo do início do prazo para as convenções partidárias que definirão os candidatos a prefeito. Bira Teixeira optou, então, pela candidatura à Câmara de Vereadores, anunciada no mês passado. Apesar das afirmações sobre seu futuro político, o vice-prefeito ainda tem seu nome citado por diversos partidos como potencial candidato à prefeitura. O fato tem feito com que Bira repense suas posições. Em entrevista ao Grupo JM, ontem, ele admitiu que caso haja uma "confluência de fatores", ele colocará seu nome à disposição. Algo que, segundo ele, está nas mãos do diretório do PT. "Fico feliz por seguidamente meu nome retornar a ser cogitado. Só que uma candidatura não passa por minha vontade pessoal, tem que ser uma decisão coletiva do meu partido, além de passar pela convicção de um conjunto de forças que pensam da mesma forma sobre o que Ijuí precisa. Tudo isso precisa se articular para que uma

candidatura possa virar realidade. Se tudo isso acontecer, evidente que não vou fugir à responsabilidade de concorrer", avalia. "Não há entraves dentro do PT, é uma questão de decisão mesmo. Meu partido tem uma opinião interna de que tem que ser protagonista neste processo, isso está posto. A questão está muito mais centrada em criar condições de construir articulações com outras forças políticas para viabilizar um projeto político forte", completou. Participando ativamente da administração pedetista há oito anos, Bira Teixeira rejeita a teoria de uma chapa de oposição ao atual governo municipal. Segundo ele, o caminho passa pela construção de uma alternativa política à candidatura do PDT. "Não gosto, independente da posição que o PT venha a tomar, da ideia de uma chapa de oposição. Acho que para discutir o futuro do município precisamos de uma chapa de renovação, de transformação, esse é o espírito", disse. É neste cenário que Bira defende, mesmo que não de maneira velada, uma candidatura própria do PT. "Meu partido tem um posicionamento preliminar de aproximação com o PDT. É algo natural em decorrência dos oito

Expulso do PDT, Cherini vai se filiar ao PR O deputado federal gaúcho Giovani Cherini, que foi expulso do PDT, escolheu o Partido da República (PR) como seu destino político. Cherini ingressará na sigla ocupando o cargo de presidente estadual, uma das condições estabelecidas pelo deputado para a escolha. A formalização da filiação de Cherini ao PR ocorrerá em evento no próximo dia 22, em Porto Alegre. “Eu não escolhi o caminho mais fácil. Escolhi o caminho que eu pudesse ter liberdade de nunca mais ser expulso de um partido. É um partido de centro, que trabalha a questão social e tem uma boa ideologia, principalmente porque dá liberdade aos estados. Com toda certeza, também construindo uma nova força no Rio Grande do Sul. É um partido que não tem nada, quase nada no Rio Grande do Sul. Vamos fazer a construção”, admitiu Cherini. Quem deixará o posto de presidente estadual do PR para o ingresso de Cherini é o deputado

federal Cajar Nardes. Na sua avaliação, a chegada de Cherini representará aumento de candidatos eleitos do PR, mas somente em 2018. O período para aqueles que desejam trocar de partido e concorrer em 2016 já se encerrou. “É uma pessoa em quem a sociedade vem confiando há 16 anos. É uma pessoa experiente que tem muito a contribuir. Eu achei que nesse momento eu teria que abrir mão (da presidência) para Cherini. Ele é um pulverizador de votos, faz votos em todo o Estado. Mas isso não vai se refletir em 2016", projetou. Cherini foi expulso do PDT por ter votado a favor da abertura do impeachment de Dilma Rousseff, desrespeitando orientação da legenda. Além dele, outros cinco pedetistas votaram pelo impeachment, mas nenhum sofreu a mesma punição. O argumento oficial do PDT para o fato é que Cherini foi o mais incisivo e atuante contra a, agora, presidente afastada.

Bira Teixeira

anos que estamos juntos no governo. Porém, temos que ver se a candidatura apresentada pelo PDT reúne as condições para liderar um movimento de transformação e de renovação que Ijuí necessita. Também entendo que nós, depois de tudo que fizemos por Ijuí, não podemos nos encolher e aceitar qualquer situação dentro do cenário político. O PT precisa ser respeitado e a forma ideal para isso seria tendo uma candidatura própria a prefeito", finalizou.

7

Goergen condiciona apoio a privatizações O deputado federal Jerônimo Goergen (PP) participou na última segunda-feira de um almoço promovido pelo governador José Ivo Sartori com a bancada federal gaúcha, que discutiu os termos da repactuação da dívida do Estado com a União. Na ocasião, Sartori expôs a intenção de promover privatizações de estruturas públicas para quitar as parcelas da dívida. A venda de empresas estaduais foi uma das condições impostas pelo governo federal para aceitar uma flexibilização do pagamento das dívidas dos Estados. "As medidas que o governo federal anunciou para os Estados são boas, mas é apenas um fôlego. De lá para cá ouvi do governador Sartori que talvez tenhamos que vender a CEEE e a Sulgás para pagar a dívida com a União. Eu sou totalmente contra, não pelo fato da venda em si, mas sim pela razão dela. Temos que fazer o recálculo da dívida gaúcha, saber primeiro qual o montante real a ser pago. Se for para vender as estatais e, com isso, quitar a dívida, é algo válido. Agora, privatizar estruturas públicas só para amenizar as parcelas não vale a pena", avalia o deputado progressista. O deputado fez a análise ontem, em entrevista ao Grupo JM. Goergen também falou sobre a preocupação com a intenção do governo de, através da

Jerônimo Goergen

reforma da Previdência, tornar mais rígidas as regras para a aposentadoria rural. "Ainda não há nada concreto, as propostas estão sendo estudadas pelo governo, então temos que nos debruçar sobre o tema quando houver algo mais concreto. Mas o fato é que pode haver algum erro na forma de financiar a inclusão da aposentadoria rural dentro do sistema previdenciário, mas hoje ele é fundamental. Não dá para imaginar retirar o direito dos trabalhadores à aposentadoria rural, pois esse benefício é, muitas vezes, o que sustenta as famílias no campo. Não acho que o presidente Temer irá propor isso", disse.

Acordo será votado na próxima semana

Reunião entre deputados da base governista definiu data da votação

Na próxima semana deve entrar em votação no plenário da Câmara dos Deputados, em regime de urgência, o PLP 257/2016, que ratifica um acordo sobre pagamento de dívidas dos Estados e do Distrito Federal com a União, negociado pelo presidente em exercício Michel Temer com os governadores. A decisão foi tomada na última terça-feira, no Palácio do Planalto, em reunião entre as lideranças partidárias da base governista com o ministro da Secretaria de Governo, Geddel Vieira Lima. Pelo texto do PLP, os Estados

ganham carência até dezembro, ou seja, não precisarão pagar nenhum centavo de suas dívidas este ano, o que dá um novo fôlego para que equilibrem suas contas, paguem a folha de pessoal e fornecedores e, principalmente, honrem seus compromissos com saúde, educação e segurança. Segundo explicou o vice-líder do governo na Câmara, deputado Darcísio Perondi (PMDB-RS), o acordo não significa perdão de dívidas, mas vai criar condições concretas para os Estados atravessarem esses momentos difíceis.

Na reunião, deputados cobraram, num segundo momento, logo após a aprovação da repactuação das dívidas dos Estados, um acordo para salvar também os municípios, que pedem socorro e sofrem com a crise econômica. Perondi destaca que o acordo será muito bom para todos os Estados endividados. Só para o Rio Grande do Sul, o alívio será de R$ 1,650 bilhão em 2016. Em janeiro de 2017, as faturas mensais voltam a ser pagas, mas com grandes descontos. As parcelas cheias só voltarão a ser pagas em junho de 2018.

cmyk


Notícias

Jornal da Manhã

Quinta-feira, 7 de julho de 2016

PROCESSO DE CASSAÇÃO

Decisão sobre recurso de Cunha fica para o dia 11

Ronaldo Fonseca (centro) é acusado de querer adiar votação sobre Cunha

Um pedido de vista já previsto adiou, para a próxima semana, a decisão sobre o recurso do presidente afastado da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ). Atendendo a pedidos de quase todos os parlamentares da comissão, o presidente da CCJ, Osmar Serraglio (PMDB-PR), marcou para 16h da próxima segundafeira a nova sessão para o início da discussão e votação do texto. Antes do debate, o advogado de Cunha, Marcelo Nobre, ou o próprio Eduardo Cunha, pode se manifestar, já que o deputado

preferiu não usar o tempo de exposição nesta quarta-feira. Ontem, o relator do recurso de Cunha na CCJ contra a decisão do Conselho de Ética de encaminhar ao Plenário pedido de sua cassação, deputado Ronaldo Fonseca (Pros-DF), decidiu anular a votação final do conselho, por entender que a forma como foi feita não está prevista no Regimento da Câmara. No entanto, parlamentares que defendem a cassação de Cunha concluíram que o parecer é frágil e que não há motivo para anular a sessão que aprovou o pedido de cassação no Conselho de Ética da Câmara. Para eles, o objetivo do

recurso na Comissão de Constituição e Justiça é protelar e evitar que o processo chegue ao plenário antes do recesso parlamentar. "Cunha vai ser derrotado mais uma vez na CCJ. Depois dos muitos crimes que cometeu, não há outra saída senão a cassação do mandato", disse o líder da Rede na Câmara, Alessandro Molon (RJ). O deputado considerou "gravíssima" a solicitação no parecer pela anulação da votação no conselho e disse que o colegiado respeitou todas as regras, principalmente porque a votação com chamada nominal ocorreu em acordo unânime.

A pouco menos de dois meses da votação definitiva do impeachment no Senado, o presidente em exercício Michel Temer dedicou a maior parte do dia desta terçafeira, 5, para receber parlamentares no Palácio do Planalto, incluindo 13 senadores. O peemedebista tratou com os congressistas de obras em suas bases eleitorais. Do grupo de senadores que passou pelo Planalto, pelo menos sete deles se apresentam como “indecisos” ou não quiseram responder à pesquisa que aponta quem apoia e quem é contra a saída definitiva da presidente

afastada Dilma Rousseff. A ideia de Temer é concluir as obras que estão perto do fim e que necessitam de baixo desembolso de recursos, da ordem de R$ 100 mil, R$ 200 mil ou R$ 300 mil. Com isso, o presidente em exercício beneficiaria pequenas e médias cidades, atendendo senadores – que serão decisivos para garantir a sua permanência no cargo – e seus prefeitos nas eleições de outubro. O governo está dando prioridade à finalização de construção de Unidades de Pronto Atendimento, creches, escolas e postos

de saúde. Na semana passada, quando comandou a primeira reunião do núcleo da infraestrutura, o presidente em exercício já havia determinado à equipe econômica que fizesse um levantamento das obras paradas e inacabadas para que possam ser finalizadas, com baixo desembolso de recursos. Os Ministérios da Fazenda e do Planejamento farão uma lista das obras prioritárias, que devem ser apresentadas em nova reunião, marcada para o início de agosto. O Senado também montará um grupo parlamentar para apresentar ao governo as suas prioridades.

8

Por escrito, Dilma diz que "impeachment é farsa" A presidente afastada Dilma Rousseff não compareceu ontem à Comissão Processante do Impeachment do Senado para prestar depoimento e foi representada pelo advogado, o ex-ministro José Eduardo Cardozo. Em depoimento por escrito enviado à comissão, Dilma afirma que o processo contra ela é uma "farsa jurídica e política". O documento foi lido por José Eduardo Cardozo. "O que mais dói é perceber que sou vítima de uma farsa jurídica e política", sustenta Dilma. Dilma afirma que lutará para concluir seu mandato. "Em nome desses votos e do povo do meu país vou lutar com todos os instrumentos legais de que disponho para concluir o meu mandato", afirma. Segunda a presidente, os que forem "honrados" e votarem por seu afastamento sentirão "vergonha" no futuro. Reconhece que cometeu erros, mas afirma que nunca foi desonesta. "Dentre esses erros, posso afirmar em alto e bom som: jamais se encontrará desonestidade, covardia e a traição.

Jamais desviei um único centavo para meu patrimônio pessoal ou de terceiros", sustenta. Dilma acrescenta que um governo sem voto simboliza o restabelecimento da eleição indireta, contra a qual o povo brasileiro lutou por muitos e muitos anos. "Um governo sem voto não será respeitado e se tornará, mais do que um entrave às soluções, a própria causa do impasse. Interromper meu mandato de forma injusta e irregular representará impor grande risco a todas as cidadãs e cidadãos de nosso Brasil." Ela criticou também "a mudança de postura do Tribunal de Contas da União" no entendimento desse tipo de procedimento utilizado por governos anteriores ao dela. "Onde está, devemos perguntar, a má-fé, o dolo grave que marcaram a minha conduta no caso da edição destes decretos? Os decretos foram editados com base na interpretação técnica e jurídica dominante, acolhida expressamente e manifestada por todos os órgãos responsáveis pelo exame da matéria.

Temer promete destravar obras

CCJ proíbe doação de servidor público A Comissão de Constituição e Justiça do Senado aprovou na tarde de ontem o projeto de lei que proíbe doações a partidos políticos por pessoas que tenham relação próxima com a administração pública. Dessa forma, ficam proibidos de doar, nos seis meses anteriores às eleições, os ocupantes de cargo em comissão ou função de confiança no serviço público e empregados, proprietários ou

cmyk

diretores de empresas prestadoras de serviços terceirizados que tenham contrato com a União, estados, Distrito Federal ou municípios. A ideia do projeto, de autoria do senador Aécio Neves (PSDBMG), é evitar que pessoas sejam nomeadas para esse tipo de cargo ou empresas sejam contratadas em troca das doações. Os senadores Ronaldo Caiado (DEM-GO) e Lasier Martins (PDT-RS) che-

garam a propor que a proibição fosse permanente. Entretanto, o relator, senador Ricardo Ferraço (PSDB-ES), optou por adotar a emenda substitutiva apresentada pelo senador Eunício Oliveira (PMDB-CE), que mantém a proibição da doação nos seis meses anteriores à eleição e de os candidatos a receberem três meses antes do pleito eleitoral. O texto segue agora para o plenário do Senado.

Defesa de Dilma foi lida por seu advogado, José Eduardo Cardozo

General do PSC não será nomeado para a Funai O ministro da Justiça, Alexandre de Moraes, afirmou na tarde de ontem, após se reunir com lideranças indígenas, que o general da reserva Sebastião Roberto Peternelli Júnior, indicado pelo PSC para a presidência da Fundação Nacional do Índio (Funai), não assumirá o posto porque o governo procura alguém com "outro tipo de perfil”. A indicação do general motivou uma reunião na tarde de ontem, no Planalto, entre Moraes, os ministros Eliseu Padilha (Casa Civil), Geddel Vieira Lima (Secretaria de Governo) e lideranças indígenas. Em troca do apoio do PSC no Congresso Nacional, o governo havia acertado que caberia ao

partido indicar um nome para a presidência do órgão, e a legenda sugeriu Peternelli Júnior. A informação de que o general estava indicado para o órgão, vinculado ao Ministério da Justiça, foi divulgada na edição desta quarta do jornal “Folha de S.Paulo”. Em uma página na internet em março passado, Peternelli postou uma imagem em homenagem ao golpe militar de 1964 –"52 anos que o Brasil foi livre do maldito comunismo. Viva nossos bravos militares! O Brasil nunca vai ser comunista", diz a postagem, compartilhada por 750 internautas. O militar foi candidato pelo PSC a deputado federal por São Paulo em 2014 – recebeu 10.953 votos e não se elegeu.


Acontece O

Jornal da Manhã

Quinta-feira, 7 de julho de 2016

Noite de posse

9

Clube Ijuí Amanhã, o Clube Ijuí promove a noite denominada O que tem para o jantar?, às 20h. Os convites custam R$ 30,00 e podem ser adquiridos na secretaria do clube. A noite será animada por Márcio Boranga.

Rotary Club de Ijuí Nova Geração, que tem na sua composição apenas mulheres, trocou de comando na noite da última terçafeira, em um jantar no Restaurante Jardim Europa. A empresária Carmem Lucchese assume no lugar de Iomar Falci Fonseca. A noite contou com a presença do Governador Distrital do Distrito 4660 Itamar José Alegranzzi e a esposa Neisa Alegranzzi. A violinista Florença Sanfelice, de Porto Alegre, encantou ao apresentar duas canções em homenagem à nova presidente.

Peixe

Nova formação de mulheres no Rotary Nova Geração

Carmem Lucchese assume no lugar de Iomar da Fonseca

A Legião Evangélica Luterana – Lelut promove no próximo dia 16o Jantar do Peixe, no Centro Evangélico. As fichas estão à venda na secretaria da Comunidade Evangélica Ijuí e com os coordenadores do jantar, no valor de R$ 35,00. O cardápio será peixe (frito, grelhado, recheado, lasanha, torta fria) arroz, batata vapor, saladas diversas e buffet de sobremesa. A animação será de Alemão do Teclado.

Aimoré A Sociedade Esportiva e Recreativa Aimoré promove o baile da 2ª e 3ª idades, no próximo sábado, 9 de julho, com início às 16h e animação da banda Balanço do Som, de Jóia.

Chá

Violinista Florença Sanfelice encantou com sua apresentação Paulo e Tida Girardi

A Oase promove o gostoso Winterkaffe no próximo dia 13, às 15h, no Centro Evangélico. Será em benefício à Sabeve. O valor da ficha é de R$ 13,00.

Naur e Ilhana Maria Segatto Vendruscolo

Casa de Dança Amanhã, às 23h, na Casa de Dança, a animação será por conta da Banda Fênix com repertório direcionado aos apreciadores da dança a dois, passando pelo bolero, samba, forró, sertanejo e ritmos gauchescos. O traje exigido é alto esporte, seguindo as normas da dança de salão. Informações pelo 3332-4378.

Posse no Colmeia Acontece hoje à noite a posse da nova diretoria do Rotary Club Ijuí Colmeia, às 20h, na sede da empresa Florescer Insumos Agrícolas. Jandir Gottschefski assume no lugar de Marcelo Herrmann.

Ceap Literário As atrações do Ceap Literário, que começou ontem, terão continuidade hoje, às 10h20, com palestra do jornalista Maurício Brum; às 13h30 e às 15h30 será a vez de interagir com a escritora Léia Cassol.

Buffet de Sopas Confraria O Confraria Restaurante está servindo o tradicional Buffet de Sopas nas noites de quinta-feira, são 6 deliciosas variedades para saborear a vontade. Para hoje temos: Cassoulet (feijoada branca), Creme de ervilhas, Caldinho de feijão, Creme de batata doce com alho poró, Caldo verde com calabresa e Sopa de Capeletti. Para quem preferir outra opção, o à la carte funcionará normalmente. Para o almoço, o atendimento é de segunda a sábado, com Buffet por quilo, sendo que aos sábados também tem feijoada. Tele entrega a noite: 55 3332-2355 / 8416-0227. Rua Benjamin Constant, 917 (Anexo à Sogi), www.confrariarestaurante.com.br.

Daniel, Hugo e Ana Paula Nori na Festa Junina do Sesc

A cantora nativista Mariana Marques com as amigas Joseani Cavalheiro e Mineia Moraski em jantar na Glasnost

cmyk


Notícias

Jornal da Manhã

Quinta-feira, 7 de julho de 2016

CONGRESSO DE MUNICÍPIOS

Prefeitos da região participam de evento Um debate sobre como as prefeituras podem superar as dificuldades nos campos da economia, da política e da segurança pública foi o objetivo do 36º Congresso de Municípios da Federação das Associações de Municípios do Rio Grande do Sul (Famurs). Esta edição tem como tema Um olhar para o amanhã. No ato de abertura, o governador José Ivo Sartori defendeu um novo pacto federativo. "O desafio dos estados e das prefeituras tem sido administrar serviços, demandas e necessidades. Os repasses são inversamente proporcionais às obrigações. Por isso, um novo pacto federativo Sartori reafirmou o respeito do governo do Estado com a Famurs e lembrou "que é nos municípios que os cidadãos buscam o primeiro apoio e procuram os serviços essenciais". O presidente da Famurs, Luiz Carlos Folador, disse que a entidade, nestes 40 anos de existência, atua na defesa daquilo que é primordial para a vida sustentável dos municípios. "Estamos aqui buscando alternativas e soluções para sair da crise. O congresso visa fortalecer os municípios, que são a base do País, neste momento em que eles estão enfraquecidos", afirmou o presidente. Folador também citou as demandas na área da Agricultura, Saúde e Educação que precisam

Cerca de 100 prefeitos e prefeitas participaram do evento

ser cada vez mais fortalecidas com políticas públicas para dar mais qualidade de vida às comunidades. Ele também falou que a renegociação da dívida com o governo federal foi uma conquista e citou as medidas apresentadas para a segurança no dia 30 de junho. "Não somos de fazer promessas e não cumprir. Acreditamos que a cooperação e a soma de esforços farão com que tenhamos um Estado melhor. Para isso estamos plantando sementes de mudança", enfatizou. O evento que reuniu mais de 300 participantes no primeiro dia, e teve a participação de cerca de 100 prefeitos e prefeitas do Estado, tem continuidade hoje.

Esteve presente o presidente da Confederação Nacional de Municípios (CNM), Paulo Ziulkoski; o presidente do Tribunal de Contas do Estado, conselheiro Marco Peixoto; o sub-defensor Público-Geral do Estado para Assuntos Jurídicos, Tiago Rodrigo dos Santos; o procurador-geral de Justiça, Marcelo Lemos Dornelles; a presidente da Assembleia Legislativa, deputada Silvana Covatti; e os secretários da Agricultura, Pecuária e Irrigação, Ernani Polo; e da Saúde, João Gabbardo dos Reis; além de prefeitos, vice-prefeitos, vereadores, procuradores, assessores e demais servidores municipais.

HCI inicia convênio com ACI de Panambi O Hospital de Caridade de Ijuí e a Associação Comercial e Industrial de Panambi (ACI) assinaram no início dessa semana, uma parceria que deve contemplar os colaboradores das empresas e indústrias do Município. O convênio prevê a disponibilização de todas as especialidades médicas que atendem na Central de Convênios do HCI, além da oferta de todo o leque tecnológico do hospital macrorregional, convênios com o laboratório de análises clínicas, com laboratório de patologia e com clínicas de diagnóstico por imagem. A parceria também prevê atendimento no Pronto Atendimento 24 horas, possibilidade de inclusão de procedimentos cirúrgicos e internações clínicas, mediante prévia negociação com a própria Central de Convênios do HCI na modalidade de pacotes, dando condição de pagamento flexível.

cmyk

Luciano Pinto assume presidência da Famurs Prefeito de Arroio do Sal, novo líder da Famurs, Luciano Pinto assume a presidência da Federação hoje, durante o 36º congresso de Municípios e entrega do prêmio Boas Práticas. De acordo com Luciano, o desafio da gestão é com referência ao ano de encerramento de mandato, "diante do momento de crise", diz. Um dos temas, que também foi debatido no Congresso de Municípios, é com relação à Lei de Responsabilidade Fiscal para o fim do mandato dos prefeitos. Para ele, o TCE deve dar uma atenção especial devido aos atrasos de recursos da União e Estado. "Esperamos que o Tribunal possa ter a compreensão de que os gestores estão tendo dificuldades de manter as contas, mas é preciso ter muita cautela e registrar todos os dados e informar o TCE", defende. Além das defesas de busca de recursos aos municípios, ele defende a manutenção do Programa Mais Médicos, a união entre as instituições para sair da crise, a defesa de um respeito maior aos gestores públicos municipais e a cobrança de agilidade na reforma do Pacto Federativo. Luciano foi eleito ainda em maio com votos de 150 prefeitos que participaram da escolha da nova diretoria. Inicialmente, ele havia sido indicado pelo Partido Democrático Trabalhista (PDT) para concorrer à presidência da Federação. A decisão foi tomada

Luciano Pinto

após disputa interna da agremiação com o prefeito de São João da Urtiga, Paparico Bacchi. A indicação obedece a um acordo firmado entre os partidos com mais prefeitos no Estado. Estabelecido em 2005, o acerto determinou o rodízio de legendas na direção da entidade. Partido com o quarto maior número de prefeitos eleitos em 2012, o PDT obteve o direito de indicar o sucessor de Luiz Carlos Folador (PT), que assumiu a entidade em 2015. Em 2014, o PMDB definiu o nome de Seger Menegaz para o comando da Federação. Valdir Andres (PP) foi o escolhido do PP em 2013.

Aeroporto precisa se adequar para operar voos Para poder receber voos da Azul, anunciados ainda nessa semana pela empresa, o Aeroporto de Santo Ângelo deve passar por adequações. Entre elas, a adequação da área de passageiros que precisa ter separação e nenhuma comunicação entre sala de embarque e desembarque, reforma de banheiros e a seção contraincêndio. Segundo a diretora do Departamento Aeroportuário do Estado (DAP), Lígia Villagran Barreto Alves, a adequação deve levar de 30 a 40 dias. O valor é estimado em R$ 50 mil.

Além disso, será necessário instalar raio-x e pórtico de detector de metais. O DAP vai instalar em Santo Ângelo um equipamento que operava no aeroporto de Caxias do Sul. Outra medida será contratar uma empresa que forneça os chamados Agentes de Proteção da Aviação Civil (Apacs). A expectativa é que a Azul oferte um horário diário direto para Porto Alegre. "Estamos em tratativas para fazer essa concorrência e garantir os agentes", garantiu a diretora. São prestadores de serviços habilitados e credenciados à Anac.

Documento foi assinado na segunda-feira na ACI de Panambi

Para o presidente da ACI Panamb, Robson Luciano Cordeiro Pazze, a proposta do HCI vem ao encontro dos interesses do empresariado panambiense. "Além disso, maior economia na prestação de serviços de saúde aos colaboradores e traz a possibilidade de adesão por todas as empresas associadas à ACI de Panambi que podem,

assim, beneficiar-se dos serviços", disse Pazze. O presidente do HCI, Cláudio Matte Martins, reiterou a importância desse momento. "Nós sentimos uma enorme satisfação de fechar essa parceria, pois sabemos da importância de Panambi no cenário macrorregional", disse Martins.

10

Aeroporto de Santo Ângelo deve se adequar para receber voos da Azul


Notícias

Jornal da Manhã

Quinta-feira, 7 de julho de 2016

11

THOMÉ DE SOUZA

Brigada Militar fecha mais uma boca de fumo

Está recolhido na Penitenciária Modulada de Ijuí Almir Canabarro de Souza, 45 anos, preso na noite de terça-feira, suspeito de tráfico de drogas. A prisão foi realizada pela Brigada Militar e foi originada de um trabalho da Seção de Inteligência a partir das denúncias no 190. A Polícia Civil deverá abrir inquérito para apurar o caso e os demais envolvidos. Conforme repassado em nota pela Brigada Militar, a comunidade há alguns meses vinha clamando por providências em um ponto endereçado na Rua Professora Alice Couto, bairro Thomé de Souza. Em trabalho de patrulhamento no local, dois usuários foram flagrados no início da noite de terça-feira em situação de compra do entorpecente. Em abordagem, os PMs comprovaram o delito e tiveram a confirmação da aquisição da droga junto a Almir. Na boca de fumo, os policiais apreenderam grande quantidade da droga pronta para consumo, além de pedaços em

PLANTÃO R$14 MIL - Está preso Luis Carlos Ribeiro, 47 anos. Ele foi flagrado em posse de drogas e foi preso por tráfico, no município de Lagoa Vermelha. Segundo a titular da Delegacia de Pronto Atendimento da cidade, Alexandra Taube Nunes Ferreira, era investigado por tráfico de entorpecentes na região. Ao cumprir mandado de busca e apreensão na residência dele no bairro Nunes, foram apreendidos 970g de maconha e R$14 mil. Ribeiro tem antecedentes criminais por tráfico de drogas e já havia sido preso anteriormente por esse motivo. Ele teve a prisão preventiva decretada e foi encaminhado ao Presídio Estadual de Lagoa Vermelha. POLICIAL MORTO - Com a prisão de Gabriel Pedreira Lima, 18 anos, na manhã de ontem, no bairro Hípica, a polícia concentra agora o trabalho de buscas ao homem responsável por atirar e matar o soldado da Brigada Militar (BM) Luiz Carlos da Silva Filho, 29 anos. O crime ocorreu segunda-feira, no bairro Cavalhada, na Capital. Em depoimento na 6ª DHPP no começo da tarde desta quarta, Gabriel confessou a participação na morte. Ele aparece nas imagens flagradas por moradores da região com uma camiseta do Barcelona. Gabriel foi preso pela BM em flagrante junto com outro homem, com armas e drogas.

quantias brutas a serem fracionadas de maconha e crack. Outras 45 pedras de crack, embaladas para a venda foram apreendidas na casa do indivíduo, juntamente com outra maior, além das seis pedras recolhidas dos usuários. Pelo menos um deles foi levado

como testemunha na ocorrência policial. Após ter o flagrante lavrado, Almir, também conhecido como Mili e Sete Caveiras, foi recolhido à Penitenciária Modulada de Ijuí, onde, até o fechamento da edição, permanecia preso.

Instalação das câmeras finalmente é concluída Deverá acontecer hoje, em Ijuí, o treinamento referente a operacionalização das câmeras de videomonitoramento em Ijuí. A informação foi confirmada ainda na última terça-feira, onde uma reunião realizada nas dependências da prefeitura municipal simbolizou o témino da instalação dos equipamentos. Na tarde da terça, o prefeito Fioravante Ballin juntamente com o secretário Municipal de Desenvolvimento Urbano, Obras e Trânsito (Smodutran), Ubiratan Machado Erthal, o coordenador de trânsito Glevando Maicá, esteve reunido com os representantes da empresa Viavale Telecom, de

Santa Cruz do Sul para receber o documento de conclusão da instalação do sistema de videomonitoramento. Na reunião também ficou definido que a inauguração oficial do sistema aconteça no próximo dia 15, às 18h. No total são oito câmeras instaladas em diferentes pontos da cidade com a central localizada no quartel da Brigada Militar. O convênio firmado entre prefeitura municipal e empresa responsável é de pouco mais de R$17 mil mensais, pelo prazo de 60 meses, representando um investimento superior a R$1 milhão até o fim do compromisso.

Almir Canabarro de Souza, 45 anos, permanece preso e recolhido à Penitenciária Modulada de Ijuí. Na abordagem da Brigada Militar, além da droga, dinheiro e demais objetos foram apreendidos na casa do elemento

Mortes no trânsito caem em 50% na região

Só em 2016 foram apreendidos quase 900kg de drogas na área da jurisdição da PRF

A Polícia Rodoviária Federal de Sarandi, através da 14ª Delegacia, divulgou os dados referentes ao primeiro semestre de 2016. O principal destaque ficou por conta de uma redução superior a 50% no número de mortes decorrentes do trânsito. As estatísticas foram divulgadas na manhã de ontem. O número de testes de etilômetro aumentou em 190%, sendo realizados quase 6 mil testes neste semestre. O número de autuações de trânsito aumentou 66%, as de ultrapassagens indevidas 43% e

de velocidade 24%. Diante desse aumento nos resultados, é possível observar a significativa redução de acidentes em 23% e expressiva diminuição de 55% no número de pessoas mortas. A queda, inclusive, se enquadra na meta do País e da ONU em reduzir 50% do número de acidentes graves até 2020. No combate ao crime, em 2016 foram apreendidos quase 900 kg de drogas na região. Ainda, houve aumento de mais de 100% no número de pessoas presas por crimes diversos.

MUNICÍPIO DE IJUÍ – PODER EXECUTIVO AVISO DE LICITAÇÃO PREGÃO PRESENCIAL Nº 38/2016 – OBJETO: Contratação de seguros veiculares diversos. ABERTURA: 21/07/16 às 9h. Informações pelo telefone/fax (55) 3331-8219 ou no site www.ijui.rs.gov.br. Ijuí/RS, 6 de julho de 2016.

Sistema de monitoramento deverá ser inaugurado na próxima semana, no dia 16

Fioravante Batista Ballin Prefeito Municipal

cmyk


Esporte

Jornal da Manhã

Quinta-feira, 7 de julho de 2016

Danilo quer mais um título no futsal O goleiro Danilo Kruger, 41 anos, campeão em várias equipes do Estado quer fazer história na Associação Ijuí Futsal (AIF). Durante a sua apresentação na última sexta-feira, o gaúcho de Santa Rosa que chegou a ser chamado de Taffarel das Quadras pela semelhança física com o ex-arqueiro do Inter e Seleção Brasileira e a mesma segurança, pretende colocar mais uma estrela no peito. Afirmou que veio para jogar na equipe de Ijuí com muita seriedade. Frisou que respeita a titularidade de Maicon, mas quer jogar e conquistará o seu espaço treinando e se dedicando como sempre foi sua carreira. Lembrou que ganhou quase tudo no futsal, mas se arrepia até hoje quando entra em quadra. Prometeu toda a dedicação e empenho para corresponder o apoio da diretoria. Em entrevista ao Jornal da Manhã, Danilo, ex-Seleção Brasileira de Futsal afirmou que com a ajuda dos colegas vai lutar para a conquista da vaga na Série Prata e de uma estrela que falta no seu currículo. O que o motivou a aceitar o convite da AIF? Conquistei vários campeonatos possíveis dentro da carreira de um atleta de futsal, porém sou movido por alegrias e alegrias são as conquistas de títulos. Essa faixa na Série Bronze ainda não tenho e vim aqui para ganhar. Vou ajudar a equipe da AIF a se tornar cada vez mais forte. Como foi a recepção dos atletas nos primeiros treinos? A melhor possível. Conheço a grande maioria dos jogadores que atua na nossa equipe. Eles me conhecem bastante, sempre ouviram falar coisas boas a meu respeito. Trato todo mundo com o mesmo respeito e humildade. Sei que tenho que buscar o meu espaço dentro da equipe e vou

PLACAR GERAL

AMADOR

Danilo (à dir.) conversa com colegas de posição e preparador de goleiros no treinamento da Associação Ijuí Futsal (AIF)

trabalhar cada treino como se fosse o último para estar bem preparado para os jogos. O que você aprendeu ao longo da carreira de muitos títulos? A gente não pode se auto elogiar muito. O goleiro você não pode elogiar antes de acabar o tempo regulamentar de cada partida. Sou um cara muito arrojado, me dedico bastante porque acredito na minha filosofia de trabalho de que você vai fazer no jogo aquilo que fez no treino. O goleiro precisa ser corajoso, jogo razoavelmente bem com os pés, tenho um passe bom, uma finalização razoável talvez não tão boa hoje em função da idade. As quadras hoje aumentaram bastante seus tamanhos. Tenho certeza de que o torcedor que for ao ginásio torcer pela AIF quando o Danilo tiver em quadra verá um goleiro com muita dedicação, vestindo essa camisa como fosse a última da carreira. Essa é uma coisa que precisa prevalecer. A idade vem e nunca sabemos quando vamos parar. Então queremos protelar mais a carreira. Isso só vai acontecer

se você estiver bem fisicamente e tecnicamente. Acima de tudo só é lembrado quem vence. Vim para Ijuí para colocar um quadro na parede e tentar ser campeão. Nas equipes onde passei sempre conquistei um título. Na ACBF de Carlos Barbosa tenho sete títulos entre Sul-Americano, Liga Nacional, e Campeonato Gaúcho. O jogador é lembrado de forma positiva quando ganha e vim aqui para ganhar também. Você foi chamado de Taffarel das Quadras e Muralha. Incomoda, gosta disso? Não incomoda. Ser relacionado a estas pessoas, ser chamado de Taffarel para mim é um orgulho muito grande, porém, entendo que o Danilo tem uma carreira própria. Vou trabalhar para entrar em forma. Vão alguns dias ainda. Tenho que trabalhar velocidade e reação. Darei o máximo e tenho certeza de que o torcedor vai gostar. Verá um goleiro dedicado. A vontade não pode faltar nunca. Como está o nível da Série Bronze? Acompanho muito o futsal.

Assisti a Copa Intercontinental agora. Esse título tenho, o Mundial de Clubes. O futsal gaúcho está falindo porque a Série Ouro se resume a três ou quatro equipes. O poderio financeiro hoje fala muito alto. A Série Prata tem 12 equipes, uma desistiu e as outras estão no mesmo nível. Converso com os jogadores e alguns estão sem receber salários. Tive convites para voltar a jogar a Liga Nacional este ano. Foi uma opção minha, uma opção familiar ficar em Santa Rosa. Fui convidado para jogar a Série Ouro, não quero sair da minha cidade. Surgiu a oportunidade de vir para Ijuí, ótimo. São 100 quilômetros, não interfere no meu trabalho.A Série Bronze é melhor porque tem 25 equipes. A quantidade de times fala por sí. São três chaves. O grau de dificuldades aumentou. As equipes estão se reforçando bastante. Os jogadores das Série Ouro e Prata estão atuando na Bronze. Isso é bom. Hoje vejo cinco ou seis times de alto nível na Série Bronze que poderiam estar jogando na Série Ouro.

Irmãos jogam juntos na Escolinha CFE Ijuí A Escolinha de Futebol CFE Ijuí tem uma novidade entre os atletas que jogam a 19ª Copa Dunga de Futebol Sete para Menores.Joana Luísa Woitchumas, de oito anos de idade, que está no terceiro ano do Ensino Fundamental da Escola Francisco de Assis (EFA) joga a competição. Joana e seu irmão Yuri Eduardo

Woitchumas, de seis anos, filhos de Maurício e Tatiane Woitchumas jogam na categoria fraldinha. O professor Paulo Wissmann disse que todas as terças e quintas-feira, a partir das 10h da manhã ela treina na Escolinha e tem demonstrado qualidades e principalmente a alegria de poder jogar ao lado do seu irmão e de

Resultados do sábado,2.7 Categoria Fraldinha Grêmio Mareli 2 x 2 ACF Floresta Colchões ACF Futsal 5 x 2 Cometa 2007 Vermelho São Luiz 4 x 2 CFE Ijuí Categoria Pré Mirim São Luiz Vermelho 0 x 3 ACF Farmed ACF Casa do Lanche 5 x 2 Cometa

Branco CFE Garra 3 x 0 São Luiz Branco Categoria Mirim Grêmio Manjabosco 2 x 2 CFE Ijuí Nova Ramada 1 x 8 Cometa Branco Falabretti FC 1 x 1 Grêmio Dimicron Grêmio Coimpel 1 x 3 E.C.Ijuí Categoria Infantil Nova Ramada 1 x 3 Cometa Vermelho

cmyk

12

seus coleguinhas da Escolinha. " Na Copa Dunga ela tem a oportunidade de jogar uma

competição oficial muito bem organizada pelo Sesc de Ijuí", finaliza Wissmann.

Yuri Eduardo e Joana jogam juntos na Escolinha que disputa a Copa Dunga

O Campeonato Municipal de Futebol Amador de Ijuí, 1ª Divisão tem domingo às 13h30 e 15h30 a disputa da quarta rodada. Serão realizados estes jogos: campo do Arroio das Antas, chave A, Botafogo x Juventude do Rincão dos Goi e Associação Atlética Villa Nova x SER Atenas; campo do Gaúcho de Floresta, chave B, Gaúcho x Holimpia e Ouro Verde x Guarani. A quarta rodada da 2ª Divisão abre sábado às 13h30 e 15h30 no Estádio 19 de Outubro com estas partidas pela chave E: Barcelona x Atlético Boca Juniors; e Atlântico x SER Atenas. Domingo serão realizados estes jogos: estádio 19 de Outubro, chave F, SER Ijuiense x E.C. Bahia; e 14 de Julho x Flamengo da Linha 4 Leste; campo do Flamengo da Linha 11 Norte, chave G, Corinthians x Associação Independência; e São Paulo F.C. x Lyons; campo do Lambari,chave H, Avenida x Guarani; e Audax x Huracan.

JOGOS COMERCIÁRIOS Começam amanhã às 20h as disputas da modalidade futsal masculino da 36ª edição dos Jogos Comerciários em Ijuí. 10 equipes jogam a competição que terá na primeira rodada estas partidas no Ginásio Municipal Wilson Mânica: União Distribuidora de Bebidas x Afhocai; e Kuchak/ Dipesul x Franco Persianas. A final estadual dos Jogos Comerciários será nos dias 12 e 13 de novembro, no Sesc Campestre, em Porto Alegre.

AVALIAÇÃO O Centro Cultural Esportivo Promocional (CEP) de Santa Rosa realizará uma seletiva de atletas dia 30 de julho naquela cidade com início às 9h30 no campo do União na Vila Oliveira, bairro Central. A avaliação sairá com qualquer tempo. O CEP irá selecionar atletas de oito a 20 anos no masculino e de 10 a 24 anos no feminino.A inscrição é uma contribuição voluntária de um quilo de alimento não perecível que será repassado para o Centro Assistencial Sagrada Família (CASF), da VilaAgrícola, podendo ser realizada no momento da apresentação.Outras informações pelo telefone (55) 9962.4766. O Centro Cultural tem o objetivo de revelar atletas junto a seus clubes e empresários parceiros que encaminham inclusive também para clubes da Itália, China, entre outros, no caso de atletas acima de 18 anos.


Jornal da Manhã

Quinta-feira, 7 de julho de 2016

13

DOIS TOQUES

Adãozinho jogará na França Carlos Alberto Padilha

esporte@jornaldamanhaijui.com ANÚNCIO- A diretoria de competições da CBF divulgou, ontem, o calendário oficial do futebol brasileiro na temporada de 2017, definido após diversas reuniões do Grupo de Trabalho de Calendário do Comitê de Reformas da entidade, que contou com nomes como Carlos Alberto Parreira e Carlos Alberto Torres.A principal novidade será a realização de três paralisações no Campeonato Brasileiro da Série A para compromissos da Seleção Brasileira nas Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2018 (duas quartas-feiras e um domingo). Os períodos de 30 dias de férias e 25 dias de pré-temporada continuam garantidos pelo terceiro ano seguido.Ainda na Série A, serão realizadas nove rodadas no meio de semana (quarta e quinta-feira), duas a menos que em 2016. O torneio também terá duas pausas de 13 dias (de 27/08 a 10/09 e de 01/10 a 15/10).Outra novidade diz respeito aos campeonatos estaduais, que terão 18 datas (de 29/01 a 30/04), uma a menos que o atual calendário. Os regionais oficializados pela entidade (Copa do Nordeste e Copa Verde) seguem com oito datas.Uma nova mudança foi feita na Copa do Brasil, que iniciará mais tarde, no dia 12 de abril, próximo à primeira rodada da Série A. O final da temporada está previsto para o dia 4 de dezembro, primeiro domingo do último mês do ano. VIAGEM-O Consulado do Grêmio em Ijuí e a Torcida Borrachos Noroeste promovem excursão a Porto Alegre para o jogo de domingo às 11h na Arena contra o Figueirense pela 14ª rodada do Campeonato Brasileiro. Saídas de Santo Ângelo, Ijuí e Cruz Alta. Custo, R$ 160,00 com viagem e ingresso de geral. Pagamento garante a vaga. Consulte outros setores ou só valor da viagem. Informações no 55.9639.9562. COMPLICAÇÃO- Lionel Messi e o pai do jogador, Jorge Horacio Messi, foram condenados na Espanha a 21 meses de prisão, além de pagamento de multa, por fraude fiscal. Os dois são acusados de ter sonegado 4,1 milhões de euros em impostos, e a sentença foi confirmada ontem pelas autoridades do país. A condenação, no entanto, não deve implicar em prisão. DUPLA-O atacante Ariel deve ser a novidade do Inter no jogo de domingo às 16h em Recife, contra o Santa Cruz. O meia Seijas treinou entre os reservas ontem. No Grêmio está próximo o acerto com o zagueiro argentino Walter Kannemann, de 25 anos, do Atlas do México. Faltam pequenos ajustes.

O lateral-esquerdo e meia Adãozinho viajou para a França onde assinará contrato de um ano com o Futebol Clube Fleury 91. A negociação foi encaminhada pelo vice-presidente de futebol do São Luiz, Luís Mattos. O Rubro ainda fica com 20% dos direitos federativos do jogador que não tinha mais vínculo com o clube, mas através de Mattos ficou ligado novamente ao São Luiz. Ao final do contrato a preferência de compra é do clube francês. O passe de Adãozinho foi fixado em 300 mil euros. O último clube do atleta foi o Brusque de Santa Catarina. O jogador estava em sua residência esperando o desfecho da negociação que vinha se arrastando há quatro ou cinco meses. "Sempre acreditei no atleta e até fiquei surpreso quando o técnico Jair Galvão não quis ele no grupo que disputou a Divisão

de Acesso deste ano. Finalmente essa negociação se concretizou, abrindo mais uma oportunidade para jogadores do clube nessa parceria com um empresário brasileiro que mora na França. Acho que é uma porta boa que o São Luiz abriu e vamos mandar o primeiro atleta para o exterior", comentou Mattos. O dirigente lembrou que nesta temporada, o São Luiz também negociou parte do passe do meia Elias com o Aimoré de São Leopoldo, através de um investidor, que o repassou ao Brasil-Pel para a disputa da Série B do Campeonato Brasileiro. "O clube neste ano dentro de campo não deu aquele resultado que a torcida esperava, que nós almejávamos, mas nesta outra parte evoluiu. O São Luiz há 25 anos não negociava um jogador, não recebia valores e neste ano não foi muito, mas a gente ven-

deu o Elias por R$ 40 mil e 70% do passe dele. O São Luiz ainda tem 30% e agora fica com mais 20% do Adãozinho que foi para a França". Ao avaliar a participação do São Luiz na Divisão de Acesso, Mattos disse " o que começa errado termina errado. A gente começou de uma maneira errada e então o resultado foi esse. Acho que o principal que precisa funcionar é a harmonia entre direção, comissão técnica e atletas. Tem que ser assim. Estamos com um problema no São Luiz que não é de hoje, o relacionamento interno, de comissão técnica, jogadores e a própria diretoria. Está na hora de realmente haver uma mudança. A gente deu neste ano oportunidade ao Jair Galvão que é prata da casa, muitos jogadores da região e o resultado não veio também", disse. Luís Mattos afirmou que o Rubro tem

Vice de futebol do São Luiz, Luís Mattos confirmou transferência de Adãozinho

problemas de vestiário, mas infelizmente quando se trabalha com muita gente isso acontece. Ele espera que em 2017 a agremiação tenha sucesso.

Caxias empata com o União e adia o acesso O Caxias empatou em 0 a 0 com o União Frederiquense ontem à tarde no Estádio Vermelhão da Colina em Frederico Westphalen pela quinta rodada do quadrangular final da Di-

visão de Acesso e adiou a sua classificação para a Série A do Gauchão 2017. O jogo foi muito disputado e com poucas chances claras de gol. Com nove pontos, o time

Portugal se garante na decisão da Euro Portugal venceu País de Gales por 2 a 0, ontem no Estádio de Lyon, e garantiu o seu lugar na final da Eurocopa 2016. Com gols de Cristiano Ronaldo e Nani, a seleção lusitana consegue chegar à primeira decisão do torneio desde 2004 quando foi derrotada pela Grécia em casa.Depois de um primeiro tempo sonolento, os portugueses mataram o jogo em sete minutos na segunda etapa. Aos 4, Cristiano Ronaldo abriu o placar com uma forte cabeçada. Aos 7, Nani foi esperto e desviou um chute de Ronaldo direto para as redes. Apesar do confronto já valer vaga na decisão, essa foi só a primeira vitória de Portugal dentro do tempo regulamentar de jogo. No grupo F, a seleção empatou as três partidas que fez e se classificou entre os melhores terceiros colocados. Nas oitavas de final, os lusitanos ficaram no 0 a 0 com a Croácia até os 11 minutos do segundo tempo da prorrogação, quando Quaresma marcou o gol da vitória. Já nas quartas, contra a Polônia, o confronto só foi decidido nos pênaltis. Mesmo eliminada, a seleção do País de Gales fez um bom papel na competição. Em sua pri-

treinado por Beto Campos pode subir no domingo, caso BrasilFa e Pelotas, que tem quatro pontos, empatem em Farroupilha no Estádio das Castanheiras. Caso haja um vencedor

nesta partida, a decisão fica para a última rodada, na próxima quarta-feira. O Caxias recebe no Estádio Centenário o Brasil e o Pelotas encara o eliminado União, na Boca do Lobo.

COB apresenta uniformes da delegação brasileira

meira participação na Eurocopa, os britânicos conseguiram um posto entre os quatro melhores, ficando na frente da Inglaterra na fase de grupos e eliminando a seleção da Bélgica nas quartas de final. Já garantidos na grande decisão, os portugueses agora apenas assistirão Alemanha e França, hoje às 16h, para descobrirem quem será o seu oponente. A final da Eurocopa está marcada para o domingo, no Stade de France, em Paris, às 16h (de Brasília). Atletas apresentam uniformes da abertura e encerramento da Rio 2016

Atacante Cristiano Ronaldo abriu o placar para a Seleção Portuguesa

O Comitê Olímpico Brasileiro (COB) apresentou ontem os uniformes que serão usados pela delegação brasileira nas cerimônias de abertura e de encerramento dos Jogos Olímpicos Rio 2016. Os atletas Ana Sátila

(canoagem), Marcus D'Almeida (tiro com arco), Pedro Gonçalves (canoagem) e Aline Silva (luta olímpica) serviram de modelos durante a apresentação no Parque Lage, no bairro do Jardim Botânico, na zona sul do Rio. Criados pela estilista Lenny Niemeyer, o uniforme masculino é composto por blazer azul marinho de sarja de algodão nacional, camisa social branca de tricoline e calça de sarja na cor areia. As mulheres vestirão saia, blusa e écharpe com estampas em tons verde, amarelo e azul e chapéu de palha. Os sapatos serão também na cor areia em camurça.

cmyk


Jornal da Manhã

Quinta-feira, 7 de julho de 2016

Horóscopo

CIÊNCIA

Árvores da Mata Atlântica são mapeadas

A localização exata de grupos de oito espécies de árvores nativas da Mata Atlântica foi mapeada na reserva florestal de Santa Genebra, na região de Campinas (SP), por pesquisadores do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) e da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (Ufrgs). Para determinar a distribuição espacial de todas as 273 árvores mapeadas, os pesquisadores analisaram imagens aéreas feitas com tecnologia de sensoriamento remoto hiperespectral, que utiliza equipamentos capazes de “enxergar” além da luz visível ao olho humano e de formar imagens em alta resolução de todo o espectro eletro-

NOVELAS

Êta Mundo Bom -

magnético, provendo detalhes sobre as propriedades físico-químicas dos materiais presentes na superfície observada, incluindo sua composição química ou bioquímica e sua morfologia. Das oito espécies mapeadas, três estão em risco de extinção: Aspidosperma polyneuron, a peroba-comum, muito utilizada em carpintaria, na fabricação, entre outros objetos, de vigas, tacos e móveis pesados; Cariniana legalis, a jequitibá-rosa, considerado a maior árvore nativa do Brasil, podendo atingir até 50 m de altura e um tronco com diâmetro de até 7 m; e Hymenaea courbaril, o jatobá, cuja madeira é, junto ao ipê e ao mogno, uma das mais valiosas e negociadas do mundo.

Mata Atlântica: "O mapeamento por meio de sensoriamento remoto reduz drasticamente os custos e o tempo do processo"

PALAVRAS CRUZADAS DIRETAS

www.coquetel.com.br Globo

Pai de Candinho procura o filho Ernani se emociona ao saber de Candinho por Anastácia. Maria fala para Celso que se encontrará com Quitéria. Ernani pensa em Candinho. Sandra finge ser amiga de Cláudio. Cunegundes reclama por Pandolfo não dar atenção à construção dos poços de petróleo. Mafalda conta para Filomena que gosta de Zé dos Porcos. Severo passa sua casa para o nome de Diana e chama Braz para comemorar com ele. Ernani procura Candinho. Ele não acredita em Ernani. Anastácia e Pancrácio se beijam. Sandra avisa a Quitéria que Ernesto jantará com ela.

Haja Coração - Globo

© Revistas COQUETEL

Toque de acordar no quartel "Bate o Sino" ou "Jingle Bells" Disposições do contrato Estância turística paulista Nem, em inglês Felino que estampa a nota de 50 reais

(?) de Águia, grupo baiano de axé

Amarrar Arnaldo Niskier, pedagogo

(?) sangue, ato de solidariedade

Os itens disputados pelo colecionador

Para os

Al Gore, político dos EUA Montes (?), cordilheira russa fronteiriça à Ásia

Informação Hélio, neônio e essencial argônio para o mapa astral Acolá

Composição musical clássica

Divisão da peça teatral

Pedra antiaftas (?) Lombardi, atriz Insípido (bras.)

Nêutron (símbolo)

(?) France, empresa de aviação Significar

Produto substituível de canetas

Lutar por (uma causa)

Rebeca será demitida

A cidade dos exageros (SP) Variedade de banana Acessório essencial na compra de celular

Juntar Cássia Eller, cantora

Anno Domini (abrev.) Grande mamífero brasileiro

15

Solução

A D A O

R

A L V

G D A S U L A S E A T O S A A N N T A D A O A E T B R U N A R M A E R E S A S E C B F A I R D I O M A R L E Ç A A NT A G A D O R

BANCO

Cada especialidade do poliglota

A U A R A P I S R A I R ET O S A I U I C R E

cmyk

Pretexto; motivo

N

Carlos afirma a Afrânio que é o único que pode ser o novo coronel. Doninha pede que Dalva não desista de Cícero. Carlos não gosta de ser ameaçado por Iolanda. Martim começa a reforma na escola de Beatriz, e Bento se incomoda. Piedade questiona Luzia sobre suas atitudes com Miguel. Olívia, Ceci, Santo e Miguel iniciam o projeto agrícola junto aos pequenos produtores. Afrânio prejudica a cooperativa de Santo. Olívia convence Miguel a visitar Encarnação. Afrânio afirma a Encarnação que Miguel só entrará em sua casa se lhe pedir desculpas.

Justo, em inglês Arrastar, em inglês

(?) José, locutor esportivo

D E N O T A R

Afrânio prejudica a cooperativa

Caio Braz, apresentador de moda (TV)

Sucesso de Djavan (MPB)

C A N O N Ç Ã D O N M A T A L I N C A

Velho Chico - Globo

A Santa das Sarjetas (Rel.)

3/air — ite — nor. 4/ansa — drag — fair. 5/avaré — urais. 6/nanica.

Francesca acusa Felipe de ter ironizado Shirlei, sem saber que o rapaz queria ajudá-la. Adriana comunica a Beto que Apolo acaba de ser contratado como novo piloto de sua marca e exige que o publicitário cumpra sua parte no acordo. Teodora avisa a Aparício que, caso ele peça o divórcio novamente, Rebeca será demitida. Shirlei fica arrasada ao ver Carmela e Adônis se beijando. Francesca comenta com Tancinha e Apolo que gostaria de conhecer o professor Thiers. Dinamite questiona a Leozinho se ele desistirá de tirar a vida de Fedora. Tancinha sente ciúmes de Apolo com Adriana.

14

Áries Ao estar em equilíbrio, não há necessidade de romper com ele. Quaisquer que sejam as dificuldades, você se sente pronto a resolvê-las. É tempo de manter a suavidade e a serenidade. Touro Ao se perceber em estagnação, é preciso abrir espaço para mudanças. O que não está evoluindo precisa se renovar para que possa seguir em crescimento. É tempo de começar por si mesmo. Gêmeos Falar demais pode gerar cansaço. Mas ficar em silêncio não ajuda a esclarecer as dúvidas, e podem surgir mal-entendidos. É tempo de ter discernimento para avaliar a melhor forma de se comunicar. Câncer Ao colocar as mágoas para fora de uma só vez, há grande alívio. Mas você pode chamar a atenção para si de um jeito que não gostaria. É tempo de ter tranquilidade para desabafar as tensões emocionais. Leão Ao colocar as mágoas para fora de uma só vez, há grande alívio. Mas você pode chamar a atenção para si de um jeito que não gostaria. É tempo de ter tranquilidade para desabafar as tensões emocionais. Virgem As lições foram aprendidas e agora é preciso colocá-las em prática. Se possível, acrescentando toques delicados e caprichando no visual. É tempo de deixar que o belo faça parte do dia a dia. Libra As trocas de afeto são como um combustível para as relações, que deve ser reposto para que tudo ande bem. Assim, as pessoas se sentem mais seguras e serenas. É tempo de aproveitar a afetividade. Escorpião Seguir a intuição é uma boa maneira de não se apegar aos temores. Os medos podem ser infundados, mas geram malestar e impedem a caminhada. É tempo de impulsionar seu crescimento. Sagitário Ao realizar seus verdadeiros desejos, você não deveria se preocupar em ficar se vangloriando para os outros de forma competitiva pelo que alcançou. É tempo de agradecer e curtir as conquistas. Capricórnio Talvez um recuo seja necessário neste momento para reavaliar o passado e incorporar o aprendizado ao presente. É tempo de partir para novas estratégias, evitando repetir os mesmos erros de antes. Aquário Se alguns de seus relacionamentos estão paralisados, talvez seja hora de pensar em mudar, para não estagnar de vez. É tempo de propor mudanças para encontrar novas formas de se relacionar. Peixes Quando a percepção das coisas é temperada com um pouco de ambição, você adquire autoconfiança para atrair a atenção das pessoas. É tempo de unir sensibilidade e vontade de realizar.


Jornal da Manhã

Quinta-feita, 7 de julho de 2016

Prof. Dr.

Argemiro Luis Brum Ceema/Dacec Unijuí

BALANÇA COMERCIAL: O QUE ESTÁ POR TRÁS DOS NÚMEROS Um superávit na balança comercial é sempre bem-vindo na lógica de melhorar as contas externas de um país. Afinal, a balança comercial é uma conta que compõe a conta maior chamada de balança de transações correntes. O Brasil, nos últimos anos vinha acusando déficits importantes nesta última: US$ 54,2 bilhões em 2012; US$ 81,1 bilhões em 2013 e US$ 91,3 bilhões em 2014. Em 2015 o quadro se inverteu e o déficit recuou para US$ 58,9 bilhões, devendo melhorar um pouco mais ainda em 2016. Em parte, tal comportamento foi auxiliado pela recuperação do comércio exterior. O mesmo saiu de um déficit de US$ 4,05 bilhões em 2014 para um superávit de US$ 19,68 bilhões em 2015. Agora, em 2016, o saldo deverá ser ainda melhor. Os primeiros seis meses do ano registram um superávit de US$ 23,64 bilhões, contra apenas US$ 2,23 bilhões no mesmo período do ano passado. Na comparação anualizada (jul/15 a jun/16 ante jul/14 a jun/15) o avanço é ainda mais expressivo, pois o saldo destes últimos 12 meses chega a US$ 41,09 bilhões, contra apenas US$ 690 milhões no ano anterior. Todavia, ao abrirmos os números a euforia pelo resultado absoluto é substituída pela preocupação. Em primeiro lugar, porque o resultado atual é consequência de uma fortíssima redução nas importações e não pela recuperação das exportações. Assim, no primeiro semestre deste ano, em relação ao primeiro do ano passado, nossas importações diminuíram 28,9%. Já as exportações recuaram 5,9%. Em 12 meses, as compras externas caíram 29,6% enquanto as vendas para o exterior recuaram 10,1%. Ou seja, o saldo positivo se deve ao fato de que, devido a recessão econômica nacional e a forte desvalorização do Real no período, as importações despencaram. Além disso, nota-se que mesmo com a perda de valor da moeda nacional, a qual atingiu picos históricos na era do Real, tanto em setembro/15 quanto em janeiro/16, nossas exportações não decolam. Pelo contrário, vendemos, em valor, menos do que o período anterior. Parte deste comportamento se explica pela forte redução nos preços internacionais das principais commodities que exportamos. Mas há outra explicação, bem mais séria: não adianta só desvalorizar a moeda nacional. O que nos falta, e de muito tempo, agravado nos últimos anos pela gestão pública temerária que tivemos, é competitividade. Nossos produtos sofrem pela baixa competitividade tanto de nossa mão de obra quanto de nossos bens de capitais (máquinas e tecnologia em geral), salvo honrosas exceções. E para aumentar a competitividade não basta apenas o ajuste fiscal e a recuperação do tripé de sustentação da estabilidade econômica. Será preciso reformas estruturais profundas em todas as áreas e, sobretudo, a recuperação da qualidade do ensino em todos os níveis. E tais correções não se fazem rapidamente. Temos, pelo menos, uma geração de trabalho pela frente, desde que comecemos logo e façamos corretamente esse dever de casa que, nos últimos anos, foi irresponsavelmente ignorado.

15

JM NOS BAIRROS

Ginásio é demanda no São José

Contratação de agentes de saúde, construção de uma creche e a reestruturação do ginásio de esportes são as principais reivindicações do bairro São José, de acordo com a líder da comunidade, Suzana Lorenzon. Segundo ela, o poder público tem demonstrado atenção às suas solicitações, mas as últimas notícias que receberam é de que não há condições financeiras no momento. “Está tudo difícil, mas independente disso nossa associação vai atrás e procuramos fazer da melhor forma possível para ir suprindo essas necessidades”, afirma a presidente do São José. Ela destaca o bairro como um dos mais residenciais da cidade e que sua localização foi feita de forma estratégica para estar mais próximo do Centro. “Temos observado que as pessoas têm investido no bairro, no comércio, e isso para nós é muito importante. Temos tudo: mercado, açougue, padaria, escolas ótimas, então a Associação de Moradores estendeu os braços e buscou na

Entre as reivindicações da comunidade ao poder público está a reestruturação do ginásio de esportes

comunidade escolar e na cristã fazer uma administração que seja uma gestão compartilhada”, conta. Em sua avaliação, Suzana acredita que tem o apoio da comunidade, o que facilita a realização de seu trabalho. “Já fiz um ano de mandato, legalizamos o bairro, trouxemos pessoas para dentro

Grupo resgata brincadeira de infância Quem passou pela Rua 14 de Julho, para cima da Rua 19 de Outubro, na manhã do último domingo, teve que dividir o espaço da via com carrinhos de rolimã. A ideia é simples e o objetivo mais simples ainda: reunir amigos para relembrar os tempos de infância. A atividade acontece há três fins de semana e é uma iniciativa do técnico em edificações Márcio Kerber. Em um domingo de manhã, ele pegou seu carrinho de rolimã e foi para a rua. Logo teve a adesão de mais quatro pessoas que utilizaram seu carrinho. As adesões foram aumentando e no último domingo já eram nove carrinhos de rolimã participando

da atividade, que ocorre em dois turnos. Pela manhã, das 10h ao meio-dia e à tarde das 15h às 18h. Márcio conta que quando ele era criança as ruas não eram asfaltadas e a brincadeira dependia do passeio público onde havia calçada. “Reunimos um pessoal mais velho para andar de carrinho de lomba, aproveitar o asfalto”, diverte-se. Quem quiser aderir ao grupo e brincar na rua, basta aparecer na Rua 14 de Julho, nos domingos de sol pela manhã, acompanhado de seu carrinho de rolimã. “Mas, quem não tiver também pode participar, eu empresto o meu ou o pessoal também empresta”, convida.

da associação que são ativas e comprometidas com a sociedade, e é isso que transforma nossa gestão em algo que tem muito apoio da comunidade.” Sobre sua relação com a União das Associações de Bairros de Ijuí (Uabi), Suzana diz que todas as demandas, sugestões

e reivindicações do São José são encaminhadas por escrito à entidade. “Aguardamos que esse nosso trabalho está sendo acompanhado pela Uabi e que dela venha a parte de fazer com que isso aconteça. Tenho certeza que é para isso que ela serve”, finaliza Suzana.

Imeab faz Semana Literária com alunos Desde o início da semana, os alunos do Instituto Municipal de Ensino Assis Brasil (Imeab) têm desenvolvido a Semana Literária. Entre atividades como teatro, contação de histórias, músicas, momento de pintura e socialização das obras e autores estudados desde o início das atividades. Nessa semana acontece, também, o Circuito Literário, desenvolvido nos Anos Finais do Ensino Fundamental (de 6º ao 9º ano)

que realizam apresentações para alunos da Educação Infantil e Anos Iniciais. “Essas apresentações são fruto das atividades de literatura desenvolvidas nesse semestre”, explica a diretora do Educandário, Miriam de Fátima Beck. Ontem, os estudantes do curso Técnico em Agropecuária realizaram mais uma edição do Café Literário também como sistematização do semestre das obras e autores estudados.

EDITAL DE SEGUNDA CONVOCAÇÃO DE ASSEMBLEIA GERAL ORDINÁRIA REDECOP S.A INDÚSTRIA, COMÉRCIO, IMPORTAÇÃO E EXPORTAÇÃO, CNPJ 12.505.448/0001-46, NIRE 43300052087, com sede na Rua das Chácaras , nº. 1513, térreo, Zona Industria, na cidade de Ijuí/RS, através do Presidente do Conselho de Administração, Senhor Ricardo Guiotto, CONVOCA os acionista para Assembleia Geral Ordinária, que será realizada na sede da REDECOP S.A INDÚSTRIA, COMÉRCIO, IMPORTAÇÃO E EXPORTAÇÃO, às 8h15, do dia 8 de julho de 2016, instalando-se a Assembléia em segunda convocação, com qualquer número de acionista com direito de voto, nos termos do artigo 125 da Lei 6.404/76, para deliberarem sobre a seguinte ordem do dia: I - Tomar as contas dos administradores, examinar e discutir e votar as demonstrações financeiras relativas ao exercício social encerrado em 31/12/2015; II - Deliberação sobre o balanço patrimonial; III - Destinação do resultado do exercício findo; IV - Eleição do Conselho de Administração; Comunicamos que se encontra à disposição dos senhores acionistas, na sede social, os documentos relativos aos exercícios sociais encerrados em 31/12/2015. Ijuí/RS, 1º de julho de 2016.

Adesões à descida de rolimã na 14 tem aumentado a cada fim de semana

REDECOP S.A INDÚSTRIA, COMÉRCIO, IMPORTAÇÃO E EXPORTAÇÃO Ricardo Guiotto

cmyk


www.jmijui.com.br

ReSGAte dA inFânCiA

CultuRA no PAlCo

A tarde de ontem foi marcada por mais uma edição do Café Literário do Imeab, que teve diversas apresentações | 15

Executivo vai intensificar cobrança da dívida ativa Um grupo de amigos reúne-se todos os domingos pela manhã, e à tarde, para andar de carrinho de rolimã na Rua 14 de Julho | 15

Atualmente, o montante da dívida está em torno de R$ 8 milhões, entre débitos parcelados e não parcelados. | 3

Parceria entre PRF e escolas orienta alunos Mesmo com encerramento, ontem, que contou com exposição de trabalhos, ações do Fetran devem seguir . | 5

Portugal é o primeiro semifinalista Seleção liderada por Cristiano Ronaldo vence País de Gales e espera o vencedor de França e Alemanha. | 13

EDITORIAL | 6 Tamanhos apontamentos direcionam o raciocínio para uma ciranda de incoerências. Entre tantos usos, tudo é questão de ponto de vista.

cmyk

Sitepaginas  
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you