Page 1

WWW.JMIJUI.COM.BR

Ijuí, Sexta-feira, 18 de novembro de 2016

Ano 43 - Nº 381

R$ 3,00

Governo adia votação das mudanças do Ensino Médio MP foi prorrogada por 60 dias e Congresso tem até março para votar as mudanças que têm gerado polêmica. | 7

FESTIVAL DE MINI-VÔLEI

Oito bairros estão infestados Índice é de 1,4%, acima do limite para infestação por Aedes aegypti. | 4

Sérgio Cabral é preso no Rio Ex-governador é acusado de receber mesada de empreiteiras. | 8

Cisa inaugura nova estrutura Espaço precisou ser ampliado pelo aumento de adesões ao serviço. | 4

NAS BANCAS

Campeão Olímpico Talmo interagiu com os alunos do Ijuí Pró-Vôlei no Ginasião | 12

PC investiga mais um arrombamento em Postos Ação foi registrada na madrugada de ontem, mais uma vez, em um posto de combustíveis de Ijuí. | 11

cmyk


RADAR

MAU ATENDIMENTO - A Caixa Econômica Federal continua na liderança do ranking de reclamações de clientes, de acordo com dados divulgados ontem pelo Banco Central (BC). O banco público recebeu 1.418 reclamações consideradas procedentes pelo BC. Para fazer o ranking, as queixas são divididas pelo número de clientes da instituição financeira. A Caixa, que tem mais de 82,4 milhões de clientes, ficou com um índice de 17,20. Na divulgação anterior do ranking bimestral, a Caixa também ficou em primeiro lugar, com índice de 16,69. A maior queixa dos clientes bancários foi a oferta ou prestação de informação a respeito de produtos e serviços de forma inadequada. ENERGIA - As contas de luz podem voltar à bandeira tarifária verde em dezembro, o que aliviaria os consumidores do custo extra gerado pela bandeira amarela acionada neste mês, afirmaram especialistas de comercializadoras. O acionamento da bandeira amarela, que sinaliza para o consumidor uma menor oferta e busca incentivar a economia de energia, foi decidido pela Aneel no final de outubro devido a projeções de chuvas abaixo da média histórica em todo o país em novembro. Como novembro marca o início do período de chuvas na região das hidrelétricas do país, que têm os reservatórios principalmente no Sudeste, a expectativa do mercado é de que as precipitações melhorem a partir do próximo mês.

INDICADORES

Poupança 17.11.2016 .....................0,6529 % Ouro 17.11.2016..................... R$ 133,00 (gr) Dolar Comercial (compra) ............ R$ 3,4223 Dolar Comercial (venda) ............. R$ 3,4229 Dolar turismo (compra) ............... R$ 3,3600 Dolar turismo (venda) .................. R$ 3,5600 Euro (compra) .............................. R$ 3,6367 Euro (venda) ................................. R$ 3,6373 IPC/FIPE Out/2016 ................................0,27% IGPM Set/2016 .....................................0,20% IPCA Set/2016 ......................................0,08% IGP-M out/16 ........................................0,16% IGP-DI out/2016 ....................................0,13% ICV-Dieese out/16.................................0,37%

cmyk

LOTERIAS

Resíduos sólidos domésticos são fonte de renda para muitas famílias. No entanto, esse material não deve ser descartado na natureza, a separação correta do lixo facilita tanto a reciclagem quanto sua destinação final.

NÚMEROS EXTRA-OFICIAIS

1º - 2.241 2º - 2.355 3º - 7.145

ENTRE ASPAS

4º - 6.683

"Em 2015, R$ 192 milhões em tributos que poderiam ser doados às instituições gaúchas de assistência a criança e ao idoso acabaram indo para o governo federal. A doação é muito importante para quem atua nestas áreas e o dinheiro acaba ficando no Rio Grande do Sul" , disse o diretor-geral do Asilo Padre Cacique, Milton Costa Silva.

5º - 1.795

"O Rio Grande do Sul tem 40 empresas públicas. Não vou entrar no mérito delas, mas o Estado gasta mais do que a arrecada. É preciso fazer uma reavaliação do que o Estado quer. Será educação, saúde e segurança, certo? Está oferecendo com qualidade?", disse o líder do governo na Assembleia Legislativa, Gabriel Souza (PMDB). "O primeiro passo é tirar o país da recessão para depois começar o crescimento e, com ele, a geração de emprego. Não vamos ter ilusão que se combate a recessão com medidas doces. Você precisa muitas vezes de medidas amargas e essas medidas visam o futuro, não o presente", disse o presidente, Michel Temer. "Somos um dos clubes mais prejudicados pelo STJD", disse o vice jurídico do Grêmio, Nestor Hein.

IR - A Receita Federal depositou ontem as restituições do Imposto de Renda Pessoa Física de 2,25 milhões de contribuintes, totalizando R$2,75 bilhões. Neste sexto e penúltimo lote de 2016, serão liberadas também restituições dos exercícios de 2008 a 2015 de declarações que deixaram a malha fina. Para saber se teve a declaração liberada, o contribuinte deve acessar a página da Receita na internet ou ligar para o Receitafone, no número 146. O Fisco disponibiliza ainda aplicativo para tablets e smartphones que facilita a consulta às declarações e à situação cadastral no CPF. ADOTE UM CORAÇÃO - Acontece hoje, a partir das 20h, o lançamento da campanha Adote um coração e transforme uma vida, na casa da Enia Sueca, no Parque de Exposições Wanderley Burmann. Na oportunidade, será apresentado o plano de comunicação e desenvolvimento da identidade interna do Instituto Lar Bom Abrigo Gessy de Vlieger Ferreira, o Lar da Menina. Mais informações podem ser obtidas por meio dos telefones 99651 8596 ou 3332 6912, com Ana Paula ou Marli.

2

OLHO DA RUA

QUINA

CONCURSO nº

MEGA SENA CONCURSO nº

1877

13 16 23 24 32 35

PREVISÃO DO TEMPO Fonte: Climatempo

Getúlio

4235

13 23 37 40 63 Resultados de quarta

NOVEMBRO AZUL - O Novembro Azul tem como principais objetivos alertar e orientar a população masculina sobre o câncer de próstata, e também acabar com o preconceito dos homens em relação ao exame. As ações desenvolvidas serão realizadas especificamente para este público no próximo dia 22, onde todas as Unidades Básicas e Estratégias Saúde da Família estarão atuando com horário estendido, além do horário normal. Dentre as principais atividades que serão realizadas, estão consultas médicas, odontológicas, nutricionais e também testes rápidos para HIV, hepatite B e sífilis. Os horários de atendimento diferenciado serão das 17h até as 21h.

Jornal da Manhã

Sexta-feira, 18 de novembro de 2016


Notícias

Jornal da Manhã

Sexta-feira, 18 de novembro de 2016

REPATRIAÇÃO

Recursos para Estados podem ser adiantados O governo Michel Temer estuda destinar aos Estados, para ajudá-los a pagar o 13º salário de servidores neste fim de ano, uma parcela dos recursos obtidos com o pagamento de multas por brasileiros que regularizaram dinheiro no exterior não declarado à Receita Federal. A discussão ainda está no início e será colocada em prática caso o governo não encontre outra medida de socorro aos Estados e o Planalto ganhe a disputa judicial sobre o tema dentro do Supremo Tribunal Federal (STF). Segundo assessores presidenciais, primeiro é preciso aguardar uma posição do STF sobre a divisão ou não da multa da repatriação com Estados e municípios. O governo federal confia que terá uma decisão favorável. A ministra Rosa Weber, em resposta a ações de governadores que reivindicam parte da receitas, concedeu liminar mandando a União depositar em juízo o dinheiro da multa que caberia aos Estados até que o plenário do STF decida sobre o mérito da questão. Caso o governo ganhe a disputa, a equipe avalia que pode trabalhar numa proposta que libere antecipadamente uma parte da receita obtida na primeira fase do programa de repatriação, que seria descontada da segunda etapa, que deve ser aprovada pelo Congresso Nacional. Do total arrecadado na primeira fase, R$ 46 bilhões, cerca de R$ 5 bilhões, incluindo verbas para educação, podem ir para os Estados caso eles ganhem as ações impetradas no Supremo. A equipe de Temer espera que o STF decida sobre o caso em breve. O total que poderia ser libe-

rado ainda está em avaliação e vai ser discutido com a equipe econômica, para não prejudicar o ajuste fiscal das contas públicas neste ano. Este caminho, na avaliação da ala política do governo, seria a melhor forma de ajudar os Estados, porque liberaria de imediato recursos para os governadores. A outra medida –a autorização para Estados captarem empréstimos no exterior em troca de garantias como royalties– demanda tempo, em alguns casos seis meses, para ser implementada e garantir a entrada de recursos. Ou seja, esta é uma medida mais de médio prazo, mas que não

ajudaria os governadores neste fim de ano, em que boa parte dos Estados tem grave dificuldade para honrar seus compromissos. Já sobre o novo programa, o Senado decidiu adiar para a semana que vem a votação do projeto que reabre, em 2017, o prazo para contribuintes que mantêm recursos no exterior não declarados à Receita Federal regularizem sua situação, a chamada repatriação. A confirmação foi do relator, Romero Jucá (PMDB-RR). O presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), havia anunciado que a votação da proposta, apresentada pela Mesa Diretora, ocorreria nesta semana.

Aumenta uso de 13º para pagar contas Dos trabalhadores que recebem 13º salário, 52,9% pretendem gastar pelo menos parte do salário com compras de Natal, segundo pesquisa feita pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) e pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL), em todas as capitais do país. Desse total, 60% é do sexo masculino. Entre os entrevistados que recebem 13º salário, 42,1% vão usá-lo em parte para compras de Natal; 27%, não vão usá-lo na data com compras e presentes;

7,5%, vão gastar tudo em presentes e comemorações; 3,3%, vão gastar tudo em compras, e 20,1% não sabem o que farão. O levantamento mostrou ainda que 41% dos entrevistados farão bicos para aumentar a renda e comprar mais presentes ou presentes melhores no Natal. Dos 27% que não vão gastar o 13º com compras ou presentes, 26,6% pretendem economizar. Este índice caiu em 2015 (31,2%) e 2014 (46%). O número de pessoas que quer usar o dinheiro para pagar dívidas aumentou nos

últimos três anos: 21% em 2014, 24,3% em 2015 e 26,4% em 2016 e quem quer pagar impostos ou tributos se manteve estável em 10% em 2014 e 2015 e subiu para 11,4% neste ano. Quem pretende viajar caiu nos últimos três anos: 14% em 2014, 11,1% em 2015 e 8,2% em 2016. O número de pessoas que quer quitar dívidas para fazer novas compras aumentou: 3% em 2014, 5,1% em 2015 e 7,8 em 2016. Os indecisos ficaram em 5% em 2014, 15,6% em 2015 e 17,7% em 2016.

3

Prefeito Ballin recebe homenagem na ACI Lideranças locais e diretores da Associação Comercial e Industrial de Ijuí (ACI) se reuniram ontem nas dependências da instituição para um Café com Empresários. O encontro é realizado tradicionalmente com o principal objetivo de prospectar contatos de negócio e socializar experiências entre os gestores, visando também a discussão de temas relevantes para os setores comercial e industrial de Ijuí e região. Na oportunidade, o prefeito Fioravante Ballin foi homenageado pela diretoria da Associação, considerando o trabalho desenvolvido nos últimos oito anos de sua gestão, que teve início em 2009. Segundo o atual presidente da Expo-Ijuí, Jalmar Martel, foi o carisma do prefeito que abriu portas para a Feira desse ano ser uma das mais tranquilas quando comparadas com edições

anteriores. "O apoio político é essencial para o sucesso nesses empreendimentos, e tivemos uma participação colaborativa do prefeito Ballin", disse Martel, ressaltando a parceria e lealdade do chefe do Executivo. "As instituições precisam ser preservadas, e esse é o foco do meu trabalho", disse o prefeito Fioravante Ballin em seu discurso de agradecimento, onde parabenizou a ACI pelo trabalho integrado desenvolvido em parceria com o poder público, em benefício da comunidade. Ele também aproveitou o momento para destacar os novos indicadores que colocam a expectativa de vida no Estado, conforme o IBGE, em 74 anos, enquanto Ijuí assume um índice de 76 anos. "Isso demonstra o resultado dessa parceria público privada no desenvolvimento da qualidade de vida que todos nós queremos e desejamos", concluiu.

Prefeito Ballin foi homenageado por empresários da Associação Comercial

Confiança do empresário perde fôlego no RS Pelo segundo mês consecutivo, o Índice de Confiança do Empresário Industrial (ICEI-RS), divulgado ontem pela Federação das Indústrias do Rio Grande do Sul (Fiergs) ontem, registra acomodação, ao fechar em 53,6 pontos em novembro, praticamente o mesmo de outubro (53,5). Esta estabilização, após uma recuperação acelerada entre maio e setembro, mostra que as condições seguem difíceis e o otimismo perde fôlego. “Ainda que em menor intensidade, predomina entre os empresários gaúchos a perspectiva de que a melhor gestão da economia, passando pela solução para a crise fiscal e o encaminhamento de reformas importantes, deve levar à retomada do crescimento”, afirma o presidente da Fiergs, Heitor José Müller. Em novembro, o Índice de CondiçõesAtuais atingiu 47,9 pontos, uma expansão de 1,3 ponto em relação a outubro. O valor mantém o diagnóstico de piora, pois está abaixo dos 50 pontos. Acima de 50, indica confiança. Já o pequeno

aumento em relação ao mês anterior significa que ela se mantém menos intensa. “A ausência ou a demora de resultados concretos até o momento provoca uma revisão nas expectativas dos empresários, que continuam indicando um cenário de arrefecimento da queda ou estabilização da atividade industrial no curto prazo”, observa o presidente da Fiergs, enfatizando também que a recuperação deverá ser mais lenta do que se esperava. A mesma conclusão vale para as condições da economia brasileira (índice de 45,6 para 46,8 pontos) e para as condições das empresas (de 46,9 para 48,6 pontos), que apesar de terem crescido, continuam a demonstrar pessimismo por parte dos empresários. Os empresários revisaram em novembro a avaliação para os próximos seis meses. O índice de expectativas registrou a segunda queda seguida, caindo de 57,2 para 56,6 pontos. Isso mostra que, ainda que tenha diminuído, o otimismo predomina, acima dos 50 pontos mínimos.

cmyk


Notícias

Jornal da Manhã

Sexta-feira, 18 de novembro de 2016

DENGUE

Infestação de bairros preocupa população Mesmo que o índice geral de infestação predial do mosquito Aedes aegypti no município não esteja acima do limite de 1%, considerado para ameaça de uma epidemia pela Organização Mundial da Saúde, alguns bairros exigem atenção redobrada. É o caso da área localizada no extrato 1, que abrange os bairros São Paulo, Mundstock, Penha, Tiarajú, Osvaldo Aranha, Lulu Ilgenfritz, Industrial e Thomé de Souza, registrando índice de 1.4%. A segunda mais infestada é o extrato 4, composto pelos bairros Tancredo Neves, Colonial, 15 de Novembro, Glória, Modelo, Novo Leste, Lambari, Jardim, Sol Nascente, Chácaras e Hammarstron, com 0.8%, essa área, inclusive, é onde iniciou-se o surto de Dengue do verão passado. A reportagem do Grupo JM esteve na área localizada no final da Perimetral Norte, nos fundos do bairro Modelo. “Mais uma decepção, porque deixamos o local limpo e organizado e ontem pela manhã nos deparamos com lixo. As pessoas não têm consciência. Estou muito decepcionado”, disse o coordenador de Vigilância Ambiental de Ijuí, Rinaldo Pezzeta. Somente deste espaço, a equipe responsável pelo Mutirão de Limpeza retirou 10 mil kg de lixo. Na manhã de ontem, sofás velhos, latas e até mesmo lixo de banheiro, além de boa parte ser reciclável, estavam amontoados na área. “Não dá para entender, porque as pessoas preferem se deslocar com veículo até os locais do que deixar em frente de suas residências, ou são os freteiros”, pondera, alertando para o cuidado na contratação de freteiros, que muitas vezes fazem o descarte no

cmyk

Pezzeta mostra área que recebeu limpeza na última semana e já tem acúmulo de lixo

primeiro local abandonado que encontram. Na tarde de ontem, Pezzeta reuniu-se com o prefeito Fioravante Ballin. No encontro, ele sugeriu pedir o apoio da Brigada Militar na fiscalização deste local específico, colocando um policial em horários esporádicos. “Acho que o negócio é prender mesmo, é cadeia, porque a orientação é dada, a gente pede por favor que as pessoas não façam isso, e não adianta, elas acham que estão prejudicando a mim ou ao prefeito, mas estão prejudicando a comunidade”, lamenta Pezzeta. Materiais recicláveis devem ser colocados em frente às residências nos dias específicos de coleta,conforme cronograma disponível na Secretaria Municipal de Meio Ambiente ou no portal da prefeitura, ijui.rs.gov.br, que serão destinados às associações de catadores do Município. Já materiais como sofás velhos, restos

de podas e móveis de madeiras podem ser levados ao antigo lixão onde será dado destino correto. Já os resíduos orgânicos, a sugestão é a utilização em composteiras ou para adubação de hortas orgânicas. Lixo eletrônico pode ser entregue no antigo Spitzer, em frente ao Sesc de Ijuí. Os pneus devem ser levados ao ecoponto, localizado próximo ao Aeroporto de Ijuí. Para os vidros, há ecopontos espalhados em escolas, repartições públicas e na Câmara de Vereadores, assim como os ecopontos de pilhas. Na área de abrangência da 17ª Coordenadoria Regional de Saúde, o índice geral é considerado alto, porque, a partir de dados levantados nos municípios, observa-se que há muitos depósitos nas cidades. “Isso nos preocupa muito”, afirma o chefe do departamento de epidemiologia da pasta, Chico Noll.

4

Último pregão do Cisa está em andamento A nova sede do Consórcio Intermunicipal de Saúde (Cisa) será inaugurada no dia 1º de dezembro. Antes disso, no mesmo dia, acontece a primeira assembleia geral para aprovação do orçamento de 2017, com a presença dos prefeitos que integram o Consórcio. Ao todo são 40 municípios com participação integral e direito de voto, e mais 70 municípios habilitados para realizar aquisição de medicamentos. Como teve aumento na adesão de prefeituras ao Cisa em busca de consultas e exames especializados, a coordenadora do serviço, Elizabeth Rolim, conta que foi necessária a ampliação da estrutura em três pisos com mezanino para os medicamentos, e elevador. “Ficou uma sede muito boa para atender a demanda desses municípios”, explica. O Cisa é considerado o maior consórcio para compra compartilhada de medicamentos do Estado. Além disso, agrega o Centro de Especialidades Odontológicas (CEO) e o credenciamento de consultas e exames de toda a região. Está em andamento o último

pregão eletrônico do ano do Cisa, com volume de R$ 54 milhões. “É a listagem que os municípios nos pedem, cadastramos no site, depois realizamos o edital e a compra dos medicamentos”, acrescenta. “A economia é absurda, porque a diferença da compra é de 70% a 80% pegando o mesmo medicamento, o mesmo laboratório, e comprando na Farmácia.” O serviço tem dado tão certo que já foi levado como exemplo a Brasília, e hoje presta assessoria técnica ao município de Palmeira das Missões. “O objetivo era comprar conosco, mas não queremos muitos municípios para não perder o controle, por isso estamos auxiliando, explicando o funcionamento, ajudando a montar uma Central de Compra de Medicamentos em Palmeira das Missões”, destaca. O orçamento do Cisa em 2016 é de R$ 40 milhões e a expectativa é de que ocorra um aumento de 10% para 2017, mas ainda depende do envio dos relatórios das prefeituras. “Mas, com certeza chegará aos R$ 47 milhões”, projeta Elizabeth.

Secretária descarta falta de medicamento em Ijuí

Márcia Boniatti

Diante da reclamação da população de que não estava encontrando amoxilina na farmácia do Posto 24h e na Unidade Básica de Saúde do Jardim, a reportagem do Grupo JM entrou em contato com a secretária municipal de Saúde (SMS), Márcia Boniatti, para averiguar a procedência da informação. “Não procede. Nós temos amoxilina em todas as composições que constam na lista básica do Município, disponíveis em todas as Unidades Básicas de Saúde. Estou surpresa, inclusive, porque aqui na Farmácia Central jamais deixaremos faltar”, afirmou a titular. Segundo ela, a pasta realizou a compra de medicamentos, seguindo uma previsão interna, para atender a demanda até fevereiro de 2017. “Então não faltará medicamentos”, afirma. “Estão comprados, empenhados, e se, por ventura, faltar algum é porque o fornecedor ainda não entregou, mas não é para faltar nenhum tipo de medicamento daqueles que estão na lista básica do Município.” Quem tiver dificuldade na aquisição de medicamentos, a secretária solicita que busque contato com a pasta por meio da qual será contatada a farmacêutica responsável para solucionar os problemas. Márcia pondera que alguns medicamentos da lista ainda não foram entregues pelos fornecedores. “Mas, não é o caso da amoxilina”, reforça.


Notícias

Jornal da Manhã

Sexta-feira, 18 de novembro de 2016

5

TRIGO

Leilões devem apoiar comercialização A situação dos produtores de trigo não está nada fácil. Para tentar melhorar a situação, uma medida que permite o lançamento de leilões de Prêmio Equalizador Pago ao Produtor Rural (Pepro) e Prêmio para Escoamento do Produto (Pep) para apoiar a comercialização de trigo na safra 2016/2017 está tramitando e deve ser anunciada brevemente. De acordo com o presidente da Câmara do Trigo da Farsul, Hamilton Jardim, a recomendação é que os produtores entreguem a sua produção em unidades credenciadas pela Conab, pois brevemente devem ser autorizados os leilões. “A intenção é que o produtor que tem o seu trigo em armazém credenciado possa buscar a diferença entre o preço que está sendo pago na praça de Ijuí e do Estado, que é em torno de R$ 31 para o R$ 38,65 que é o preço mínimo”, explica. Estes leilões, segundo Jardim, devem trazer para os produtores algum alento, pois muitos deles têm recebido menos de R$30 por uma saca de 60 quilos de trigo de excelente qualidade. Jardim destaca que a Farsul tem pres-

sionado o governo para que se tenha logo uma posição de ajuda aos produtores. “Essa é uma das safras mais complicadas de toda a história. Há uma superoferta de trigo tanto no Estado e no Brasil, pois neste momento os moinhos compram para 12 meses e não têm como estocar”, explica. Outro fator lembrado pelo presidente é que, neste momento, os produtores necessitam de dinheiro para fazer a lavoura, e o valor abaixo do mercado está prejudicando as finanças. O consumo brasileiro de trigo hoje é em torno de 11 milhões de toneladas, e o Rio Grande do Sul e Paraná são responsáveis por 6,5 milhões, e nem todo esse trigo vai pra o consumo de indústria moageira. “Parte deste trigo, inclusive este ano, vai para ração animal, substituindo o milho que está muito caro. Segundo análise, vamos ter que importar 6,5 milhões de toneladas para abastecer o consumo nacional que se faz ao longo de 12 meses”, ressalta. De acordo com Jardim, o preço do trigo está derretido em nível de mundo. “Hoje o trigo paraguaio chega em Curitiba

no Paraná com preços mais baratos do que é produzido lá, que é de excelente qualidade”, disse. Para a questão do trigo, Jardim afirma que o Mercosul é terrível. “Os países que fazem parte do grupo, trazem o seu trigo produzido a custo mais barato para o Brasil para compensar o saldo da balança comercial”, relata. O integrante da Farsul destaca que acredita que os leilões devem trazer algum conforto ao produtor, mas que não resolverão o problema. “Para resolver o problema de quem não for contemplado com o leilão seria necessário que o governo fizesse algumas aquisições e enxugasse o mercado, porém eles já anunciaram que não têm como fazer isso, pois não possuem recursos”, disse. Ele completou dizendo que agora é necessário esperar e ver como estes mecanismos do governo irão funcionar nas próximas semanas e trazer algum conforto para os produtores que investiram e produziram uma excelente safra. “A produção é maior que 2,5 milhões de toneladas, mas o produtor está deses-

Hamilton Jardim, da Farsul

perado em função de que os preços estão abaixo do preço mínimo, como há muito tempo não estava”, finaliza.

cmyk


Jornal da Manhã

OPINIÃO

Sexta-feira, 18 de novembro de 2016

TRABALHO AMEAÇADO

É

quase unânime entre os cidadãos brasileiros minimamente informados, a afirmação de que a Operação Lava Jato desafiou o poder político de Brasília e colocou na cadeia membros fortes dos maiores partidos do País. Indo além, a força-tarefa da Operação também prendeu e investigou a fundo alguns dos grandes empresários do País, além, é claro, de colocar em sua alça de mira políticos do quilate Denunciando de ex-presidentes cada vez mais a da República. farra de políticos A intensa midiaticom dinheiro púzação das ações da blico, o Judiciário Lava-Jato, em parte corre o risco de motivada pelos popassar de pedra à derosos alvos da vidraça. operação, podem supor que o combate à corrupção no País nasceu a partir de Curitiba, e tem em Sérgio Moro seu único criador. Basta citarmos as punições impostas aos membros da AP 470, o famoso Mensalão, para sabermos que as diversas instâncias do poder Judiciário vêm agindo há muito tempo com rigor contra a corrupção endêmica que atinge o serviço público brasileiro. Denunciando cada vez mais a farra de políticos com dinheiro público, o Judiciário corre o risco de passar de pedra à vidraça. Isso porque grupos dentro e fora do Congresso já

se articulam para barrar a onda anticorrupção que toma conta do País. A intenção é frear investigações e legitimar atos que contrariam o interesse coletivo. É o caso do caixa dois, que engloba recursos não declarados em campanhas eleitorais, e sobre o qual alguns deputados e senadores planejam manobrar para legitimar. Outro tema desta ordem é o projeto que trata do abuso de autoridade. A ideia, encabeçada pelo senador Renan Calheiros (PMDB-AL), um dos políticos com maior lista de processos por corrupção contra si, prevê pena de um a quatro anos de prisão, além do pagamento de multa, para delegados estaduais e federais, promotores, juízes, desembargadores e ministros de tribunais superiores que ordenarem ou executarem "captura, detenção ou prisão fora das hipóteses legais". Com uma democracia estabelecida e instituições públicas consolidadas, é impensável que a responsabilidade inerente aos cargos no poder Judiciário permite que juízes, por exemplo, ordenem prisões arbitrárias e sem embasamento legal. Desta forma, a proposta tem o único intuito de pressionar e criar amarras ao trabalho do poder Judiciário, algo que é da preocupação de todos. O crescimento da consciência coletiva no sentido de compreender a necessidade de um sistema de Justiça livre e empoderado é um ponto a favor. No entanto, é essencial que o tema esteja sempre em voga, para que criemos, cada vez mais, ondas de defesa das instituições de combate à corrupção.

PONTO DE VISTA

Maria Odete Palharini Maria Odete Palharini, coordenadora da Incubadora de Empresas de Inovação Tecnológica (Criatec), fala sobre o processo seletivo para o ingresso de novas empresas

Como as empresas podem se inscrever para o processo de seleção? Nós estamos com uma oportunidade para quem quiser criar uma empresa com foco em inovação, seja ela local, regional, estadual. As pessoas podem acessar o edital que está na página da incubadora, onde contém todas as informações do que é necessário para realizar a inscrição. De antemão eu posso dizer que eles precisam ter um plano de negócios para submetê-lo a uma comissão avaliadora, o nosso conselho, que vai decidir quais empresas serão apoiadas no nosso programa de incubação. Quantas vagas vocês estão oferecendo neste momento?

Jornal da Manhã GRÁFICA E EDITORAJORNALÍSTICA SENTINELA LTDA. CNPJ: 87.657.854/0001-23

Fundado em 1º de Maio de 1973

Nesse edital, nós estamos com duas vagas, pois estamos fazendo a seleção somente para empresas que vão ficar internas, ou seja, que vão desenvolver os seus negócios aqui dentro da incubadora. Possuímos capacidade, simultânea, para 16 empresas incubadas internamente e oferecemos uma sala com móveis, equipamentos, internet e telefonia, para que a empresa inicie os seus negócios Como nós estamos atualmente com 14, então a gente tem mais duas salas. Vocês oferecem todo o suporte para a empresa se instalar? Além da parte física que são as salas de reuniões, salas de videoconferência, laboratórios de pesquisa e de desenvolvimento, nós oferecemos também a parte do serviço de apoio aos negócios, ou seja, consultorias e assessorias em cinco áreas para que a empresa se desenvolva e possa sair da incubadora de uma forma consolidada, de maneira que possa continuar crescendo. O foco da Criatec é em inovação dos negócios? Isso, o nosso foco é inovar, é trazer algo diferente. Trabalhamos muito forte principalmente nessa fase de planejamento. Nós temos uma consultoria disponível todas as quintas-feiras, agora nesse processo de seleção. Ela está disponível na parte da manhã e da tarde, para que o empreendedor possa ter a orientação para elaborar o seu plano com a ajuda de um consultor que é especializado em Plano de Negócios.

Diretor: Edmundo H. Pochmann Editora: Jocelaine Simão redacao@jornaldamanhaijui.com

Rua Albino Brendler, 122 Centro - 98700-000 IJUÍ/RS Cx. Postal 518 - (55)3331-0300

cmyk

Jornal da Manhã: (55) 3331-0300 atendimento@jornaldamanhaijui.com Rádio JM: (55) 3331-0301 radio@jornaldamanhaijui.com

6

ARTIGO

A conta deve ser para todos Cezar Miola Ouvidor do TCE-RS e vice-presidente do Instituto Rui Barbosa Já nos acostumamos a ouvir que crises são sinônimos de oportunidades. Então, poderíamos perguntar: como os agentes públicos estão lidando com as graves questões destes dias? A julgar pela argumentação da maioria dos candidatos nas recentes eleições, os problemas gerenciais e fiscais da administração pública brasileira devem ser enfrentados pelo corte de despesas: redução dos cargos em comissão, "enxugamento" das estruturas, busca de eficiência etc. Medidas adequadas; quiçá imprescindíveis. Já o governo federal defende a PEC 241/55, que impõe (na Constituição) o congelamento dos ditos gastos primários da União por 20 anos. Entretanto, faltam outras medidas, como a definição de limite para a sua dívida (exigência da Lei Fiscal), tal qual já estabelecido para Estados e municípios. Sobre a PEC: de um lado, ela poderá ajudar a construir um processo orçamentário realista e indutor da qualidade do gasto público. Porém — e aqui defendendo um debate sereno e plural — é possível concluir que a medida trará, sim, impactos na prestação dos serviços essenciais. Aliás, se, como argumentam alguns, não haverá perdas para saúde e educação, deixo uma sugestão singela: basta não mudar as regras hoje aplicáveis; assim, eliminamos quaisquer dúvidas que ainda perdurem... Na verdade, não se pode limitar a busca do equilíbrio fiscal — que, reconheço, é mesmo imperioso — ao corte de gastos. Quase nada se ouve falar acerca do incremento da arrecadação. E aqui não se está estimulando nenhum aumento de impostos. Ao contrário: o que se defende é a verdadeira justiça fiscal, incluindo o combate à sonegação, à evasão e à corrupção, a adoção de medidas para evitar a prescrição e a cobrança efetiva de tudo o que se tem a receber. E, tal qual se exige quanto às despesas, que haja total transparência em relação a incentivos concedidos, devedores, valores arrecadados e perdas sofridas pelos cofres públicos. Seria o "simples" mais democrático e republicano que se poderia desejar.

Artigos assinados são responsabilidade de seus autores. Para publicação, os artigos devem ser enviados com identificação do autor (nome completo, documento, endereço e fone) em fonte times, corpo 10, entrelinha 11, com até 30 linhas, para o e-mail redacao@jornaldamanhaijui.com

Representantes Comerciais: Grupo de Diários

Impressão em Off-Set Rotativa Cia de Arte CNPJ 92.107.978/0001-75 Rua Albino Brendler, 146 - IJUÍ/RS (55) 3331-0318 | 3331-0320 (após às 18h)

www.jmijui.com.br

ciadearte@jornaldamanhaijui.com

ASSINATuRAS E CIRCuLAÇÃO: (55) 3331-0315 | 3331-0316 3331-0317 Semestral: R$ 200,00 Anual: R$ 400,00 Correio: R$ 400,00 (semestral); R$ 800,00 (anual)


Notícias

Jornal da Manhã

Sexta-feira, 18 de novembro de 2016

POLÊMICA

Adiada votação da MP que muda Ensino Médio A medida provisória (MP) que trata da reforma do Ensino Médio, MP 746/2016, terá mais 60 dias para ser discutida no Congresso Nacional. A prorrogação foi publicada na quarta-feira, no Diário Oficial da União. Com isso, o Congresso terá até março para votar a medida. A prorrogação do tempo de apreciação de MPs está prevista no regimento do Congresso Nacional. De acordo com a Resolução 1/2002, a prorrogação ocorre quando uma MP não tem a votação encerrada tanto na Câmara dos Deputados quanto no Senado Federal no prazo de 60 dias. Apresentada pelo presidente Michel Temer no dia 22 de setembro, a MP do Ensino Médio flexibiliza os currículos e amplia progressivamente a jornada escolar. De acordo com a medida provisória, cerca de 1,2 mil horas, metade do tempo total do Ensino Médio, serão destinadas ao conteúdo obrigatório definido pela Base Nacional. No restante da formação, os alunos poderão escolher entre cinco trajetórias: linguagens, matemática, ciências da natureza, ciências humanas modelo usado também na divisão das provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) - e formação técnica e profissional. A medida também amplia gra-

MUDANÇA NO ENSINO MÉDIO Ministério quer reorganizar currículo para melhorar desempenho de alunos COMO É HOJE Grade é composta por 13 disciplinas obrigatórias COMO FICARIA Disciplinas seriam reunidas em quatro grandes áreas do conhecimento

dualmente a carga horária do Ensino Médio para 7h por dia ou 1,4 mil horas por ano. Estudantes que ocupam escolas, universidades e institutos federais em todo o país são contrários à MP. Tanto eles quanto educadores defendem um maior debate sobre a reforma do Ensino Médio e criticam as mudanças por meio de medidas provisórias. Já o governo federal defende que a MP se deve à urgência de mudanças nessa etapa de ensino que concentra os piores indicadores da educação básica. A reformulação da etapa já estava em discussão na Câmara dos Depu-

Tiradentes divulga resultado no dia 4 O diretor da Escola Tiradentes João Volmei Guerra Spagnol informou que a escola já está trabalhando na seleção de estudantes para o próximo ano. No próximo dia 26 acontece a última etapa do processo seletivo entre os novos alunos, que é a prova física e a perspectiva é de que a relação de candidatos que poderão fazer a matrícula no dia 4 de dezembro. "Já na segunda semana de dezembro iniciam-se as matrículas desses jovens". O processo seletivo se dá para alunos do 1º ano, que deve receber 90 novos alunos. "Nossa estrutura física comporta apenas três salas de aula", conta afirmando que algumas vagas serão preservadas para alunos que podem ser reprovados e têm direito à vaga prioritária. O processo seletivo segue edital publicado pelo Departamento de Ensino da BM que prevê 46 vagas para

João Volmei Guerra Spagnol

2017. "Como conseguimos espaço para mais uma sala de aula então chamaremos mais alunos do que o previsto".

tados por meio do Projeto de Lei 6.480/2013. A MP contém algumas sugestões do projeto. Em enquete promovida pelo portal E-Cidadania do Senado, mais de 71 mil pessoas se manifestaram contra a MP, enquanto mais de 3,8 mil se declararam a favor. Na semana passada, uma pesquisa encomendada pelo Ministério da Educação ao Ibope mostrou 72% dos brasileiros são a favor de uma reforma no Ensino Médio. De acordo com a pesquisa, 24% são contra a reforma, 3% não sabem e 1% não respondeu.

7

Alunos da Escola Luiz Fogliatto visitam JM Na última quarta-feira uma turma de alunos do 8º ano da Escola Luiz Fogliatto esteve conhecendo o Grupo Jornal da Manhã. A visita dos 11 estudantes foi coordenada pelas professoras Ana Paula Zimpel, que ministra aulas de inglês e Luciara Aguiar, professora de Artes. A iniciativa partiu de um projeto multidisciplinar realizado na escola, iniciado na disciplina de português ministrada pela professora Norma Wildner que utilizou em sala de aula as edições do Jornal da Manhã recebidas através do projeto JM na Escola para mostrar aos alunos a construção de um jornal. Segundo a professora Ana Paula, os alunos gostaram muito da atividade. "Eles conheceram as partes do jornal e avaliaram as formas de linguagem, além disso se mostraram muito empolgados porque puderam ma-

nusear a edição e levar para casa, já que muitos não têm acesso ao jornal em casa", disse. As professoras da escola também participaram de uma formação promovida pela 36ª Coordenadoria Regional de Educação (CRE) para receber orientação de como utilizar o jornal como material didático pedagógico. Após a formação foi lançado um novo projeto em que os alunos estão produzindo o jornal da escola. "Eles adoraram a ideia, antes achávamos que seria complicado, mas agora que passamos pela formação vimos que é possível e que os alunos têm muito interesse por isso vamos desenvolver esse projeto", revela afirmando que a ideia é de que o jornal tenha uma periodicidade trimestral, levando aos alunos notícias sobre a rotina e projetos da escola.

Alunos conheceram produção do jornal e estúdios da Rádio JM

Ensino privado deve crescer em 2017 O ano de 2017 promete ser melhor que este ano para o ensino privado. De acordo com o presidente do Sindicato do Ensino Privado do RS (Sinepe/RS), Bruno Eizerik, existe uma boa expectativa para o próximo ano. “Estamos com uma boa procura de vagas nas escolas privadas e com a recuperação do país acreditamos em um crescimento do ensino privado, tanto na educação básica nas escolas, como no ensino superior”, ressalta. Ele ainda disse que as perspectivas são boas, ao contrário do ano de 2016, que teve retração em todos os setores, inclusive no setor educacional. “As primeiras informações que estamos recebendo é de que as escolas, que estão começando com as matrículas agora, já percebem um aumento. Acreditamos que deve haver uma retomada do patamar que tínhamos em 2015, no ensino privado”, destaca.

Para o presidente, o clima é de otimismo com a possibilidade de que as pessoas voltem a investir em educação e no ensino. Em relação a PEC 55, Eizerik comentou que essa não é uma questão que envolve o ensino privado, salvo o ensino superior na questão do FIES. “De qualquer maneira o que nos parece é que ninguém pode gastar mais do que recebe, isso deve valer também para o governo federal”, enfatiza. Ele ressaltou também, que em um primeiro momento parece que os investimentos em saúde e em educação ficam preservados. “Então não é uma questão que influencia no ensino privado do Estado e do País, mas parece adequado para se pensar no futuro do Brasil”, disse. Sobre a base nacional curricular comum o presidente do sindicato, comentou que em abril de 2017, deve ser editada a terceira versão da base.

Bruno Eizerik

“Lembrando que a posição do Sinepe/RS é que a base deveria começar apenas com as disciplinas de português e matemática, deixando as demais para um segundo momento. Estamos aguardando a posição do governo federal”, finaliza.

cmyk


Notícias

Jornal da Manhã

Sexta-feira, 18 de novembro de 2016

LAVA JATO

Ex-governador recebia mesada de empreiteiras A Polícia Federal (PF), em ação conjunta com o Ministério Público Federal (MPF) e a Receita Federal do Brasil (RFB), deflagrou na manhã de ontem a Operação Calicute, com o objetivo de investigar desvio de recursos públicos federais em obras realizadas pelo governo do Estado do Rio de Janeiro. O prejuízo estimado é superior a R$ 220 milhões. A apuração identificou fortes indícios de cartelização de grandes obras executadas com recursos federais mediante o pagamento de propinas a agentes públicos, entre eles, o ex-governador do Rio de Janeiro Sérgio Cabral, preso em sua residência, no Leblon, bairro zona sul do Rio. Cabral teria recebido propina de construtoras em seus dois mandatos, entre 2007 e 2014. Segundo as investigações, o exgovernador chefiava um esquema de corrupção que cobrou propina de construtoras, lavou dinheiro e fraudou licitações em grandes obras no estado realizadas com recursos federais. De acordo com Ministério Público Federal, Sérgio Cabral chegou a receber R$ 350 mil de “mesada” da Andrade Gutierrez e R$ 200 mil da Carioca Engenharia que, no segundo mandato, aumentou o pagamento para R$ 500 mil. Segundo a apuração, a propina

Cabral é acusado de fraudar, pelo menos, três grandes obras no Rio de Janeiro

de 5% sobre as obras era paga em espécie. Havia ainda uma "taxa de oxigenação" de 1% para operadores do esquema. Com esses valores, os investigadores afirmam que chega a R$ 224 milhões a propina paga nas três obras investigadas pela forçatarefa no Rio de Janeiro, e a R$ 2,7 milhões, que foi objeto da apuração em Curitiba. Todo o dinheiro era movimentado em espécie e era ocultado com a compra de obras de arte, objetos de luxo, barcos e roupas, além da realização de consultorias fictícias. Em troca do dinheiro, as

empreiteiras tinham sua participação garantida em obras por meio de fraudes nas licitações. O Ministério Público agora busca descobrir onde foi parar todo o dinheiro recebido ilegalmente pelo ex-governador em troca de contratos e isenções fiscais com o governo do Estado do Rio. Sabe-se que parte foi esquentada em forma de contratos fictícios de consultoria e de assessoria jurídica com empresas de pessoas próximas a Cabral e com o escritório de advocacia da ex-primeira-dama, Adriana Ancelmo.

8

Pacote contra corrupção tem votação adiada A comissão da Câmara dos Deputados que analisa o projeto de lei com medidas contra a corrupção adiou para a terça-feira (22) a votação do texto do relator, o deputado Onyx Lorenzoni (DEM-RS). A votação estava prevista para ser realizada na quinta-feira (17) depois de ter sido adiada na quarta-feira (16) após a invasão do plenário da Câmara por manifestantes a favor da intervenção militar no País. Lorenzoni afirmou, ao chegar para a reunião da comissão nesta quinta-feira, que o texto final ainda não está fechado e que haverá uma reunião com o presidente da comissão, Joaquim Passarinho (PSD-PA), na terça para discutir sugestões encaminhadas pelos partidos. "A gente quer chegar aqui na terça-feira com condições de ter o relatório aprovado", disse Lorenzoni. A reunião da comissão prevista para esta quinta-feira não chegou a ser iniciada por falta de quórum. Era necessário que ao menos 16 deputados, entre os 60 titulares e suplentes da comissão, marcassem presença. Mas, uma hora e meia após o horário previsto

para a reunião, apenas 15 estavam presentes. "Está nítida a decisão de que as pessoas não querem ainda votar", disse o presidente da comissão. "[Essa] não é a decisão do presidente nem do relator, mas a maioria está mostrando no painel [de presença] que não quer discutir hoje", afirmou Joaquim Passarinho. Se aprovado na comissão, o texto segue para o plenário da Câmara e, em seguida, deve ser aprovado também pelo Senado para virar lei. O projeto teve origem nas "10 Medidas de Combate à Corrupção" elaboradas pelo Ministério Público Federal, com a participação de procuradores da força-tarefa da Operação Lava Jato, e foi enviado à Câmara com o apoio de mais de 2 milhões de assinaturas. O texto, portanto, é um projeto de iniciativa popular, assim como a Lei da Ficha Limpa. Após modificações no texto original incluídas pelo relator, o projeto conta agora com 17 medidas principais, como a tipificação do crime de caixa dois com penas mais duras e a criação do crime de enriquecimento ilícito.

Moro bloqueia R$ 10 mi de Cabral O juiz federal Sérgio Moro decretou o bloqueio de R$ 10 milhões do ex-governador do Rio Sérgio Cabral (PMDB) e de outros onze investigados, inclusive a mulher do peemedebista, Adriana de Lourdes Ancelmo, e do escritório de advocacia dela, o Ancelmo Advogados. A decisão de Moro é relativa exclusivamente a uma investigação de sua alçada, aberta contra Sérgio Cabral, que teria recebido propinas de R$ 2,7 milhões em obras da Petrobrás - no caso o Complexo Petroquímico do Rio (Comperj). Os inquéritos e processos sobre corrupção nos contratos da Petrobras estão sob a guarda de Moro. Segundo Moro, "na linha dos desdobramentos, este feito tem por objeto crimes de corrupção consistentes no pagamento de vantagem indevida ao então governador do Estado do Rio de Janeiro Sérgio de Oliveira Cabral Santos Filho em decorrência do contrato celebrado entre a

cmyk

Andrade Gutierrez e a Petrobras para obras de terraplanagem no Complexo Petroquímico do Rio de Janeiro/Comperj". A investigação foi aberta a partir da delação premiada de executivos da empreiteira Andrade Gutierrez. No termo de colaboração número 5, um exdirigente da empreiteira, Rogério Nora de Sá, declarou que se reuniu "mais de uma vez com o então governador do Rio Sérgio Cabral e ainda com Alberto Quintães, superintendente Comercial da Andrade Gutierrez para o Rio, para discutir pagamento de vantagem indevida em contratos (da empreiteira) naquele Estado". "A pretensão do então governador era receber propina mensal de cerca de R$ 300 mil da Andrade Gutierrez", assinala o juiz. "Entre os pagamentos, propinas da ordem de R$ 2,7 milhões em contrato de obra de terraplanagem de Petrobras no Complexo Petroquímico do Rio, o que foi combinado com o diretor

Relator do projeto afirma que comissão não está pronta para votação

Jucá é efetivado como líder do governo

Sérgio Moro

de Abastecimento da Petrobrás Paulo Roberto Costa". O confisco de R$ 10 milhões tem base em uma planilha de repasses ilícitos supostamente realizados em favor do peemedebista.

Na primeira entrevista como líder do governo no Congresso Nacional, o senador Romero Jucá (PMDB-RR) disse que vai trabalhar pela aprovação dos projetos que fortaleçam a economia e a segurança jurídica do país. A aprovação do orçamento de 2017 ainda este ano está entre as prioridades do líder. A oficialização de Jucá na liderança foi publicada na edição de ontem do Diário Oficial da União. “Vou trabalhar com minha experiência no sentido de, nas duas Casas [Câmara e Senado], e no Congresso, poder aprovar todas a medidas que possam restabelecer o fortalecimento da economia e a

segurança jurídica”, disse a jornalistas em entrevista no Senado. Jucá disse que o Orçamento Geral da União para 2017 deve ser aprovado ainda este ano. Segundo ele, pelo cronograma estabelecido com líderes, a matéria vai a votação em plenário no dia 14 de dezembro. “É muito importante que o Brasil possa iniciar o ano de 2017 com orçamento pleno, bem feito, caracterizando a busca de um equilíbrio fiscal”, disse. Sobre o projeto de repatriação de recursos mantidos no exterior, Jucá disse que estão em discussão fórmulas sobre a possibilidade de repatriação para parentes de políticos que têm atividades econômicas independentes.


Notícias

Jornal da Manhã

Sexta-feira, 18 de novembro de 2016

COMBATE À CORRUPÇÃO

Judiciário quer assegurar mecanismos de apuração O combate à corrupção no Brasil não começou com a Operação Lava Jato, mas é perfeitamente possível atribuir à Operação uma espécie de visibilidade à onda anticorrupção, que motivou a prisão de inúmeros políticos e grandes empresários acusados de desvio de dinheiro público. É a partir deste movimento que o poder Judiciário, em suas diversas instâncias, assumiu grande protagonismo no País, sendo visto por muitos como instituição pública essencial para o funcionamento da sociedade. Junto a este clamor popular por apoio irrestrito ao Judiciário, surgem, de outro lado, iniciativas com o intuito de restringir os trabalhos de investigação de crimes, principalmente aqueles relacionados aos bens públicos. A avaliação é do juiz Guilherme Mafassioli, diretor do Fórum de Ijuí, em entrevista ao Grupo JM. Segundo ele, é preciso atenção de todos para que este cerceamento não ocorra. "Acho que a sociedade tem que estar muito atenta, e digo isso em linhas gerais, para uma tentativa de desaparelhar as instituições de apuração e repressão de crimes e corrupção no Brasil. Nós vemos que trabalhos muito bem feitos e rigorosos estão sendo realizados por estas entidades, tanto a nível federal, estadual, e até municipal. Então à medida que corremos ris-

Diretor do Fórum afirma que é preciso "estar alerta" para restrições ao Judiciário

co de perder esses trabalhos, toda a sociedade pode sair perdendo", avalia o magistrado. Uma das tentativas de restrição, segundo ele, é a constante responsabilização do Judiciário, que possui alguns dos mais altos salários e benefícios nas esferas públicas, pela crise financeira que afeta as contas dos governos. "Fico incomodado quando vejo matérias que não retratam exatamente a realidade, o que muitas vezes acontece. Quando se retrata a realidade, cabe à sociedade avaliar se são gastos bem empregados ou não", disse Mafassioli. As declarações do diretor do

Fórum vão ao encontro da fala recente do presidente da Associação de Magistrados Brasileiros (AMB), João Ricardo Costa. Em entrevista à revista Veja, ele afirmou que a Justiça está ameaçada pelos políticos da operação Lava Jato, e que "há atitudes e iniciativas concretas no Congresso que põem em sério risco o sistema de Justiça, sendo os políticos sob investigação os principais defensores de medidas para barrar a ação do Judiciário". Costa citou como exemplo a proposta para punir abuso de autoridade, que deve restringir ações de magistrados e promotores públicos em todo o País.

AL suspende salários de deputado A Assembleia Legislativa decidiu, em reunião na última quarta-feira, suspender o pagamento ao deputado estadual Mario Jardel (PSD). A decisão foi tomada porque o parlamentar não compareceu nesta quartafeira, mais uma vez, para prestar depoimento à Subcomissão de Ética, que examina o processo de cassação de mandato. Além disso, a Assembleia desconhece o paradeiro de Jardel. Os funcionários do gabinete também terão os salários suspensos a partir do próximo pagamento, já que houve uso indevido da senha do deputado, conforme o procurador da Assembleia, Fernando Ferreira. “A decisão ocorreu em função desta situação, porque, afinal de contas, não sabemos como ele está, nem onde ele está, o que preocupa a Mesa”, explica. “Além disso, constatou-se, eventualmente, o uso indevido da senha do deputado Jardel, já que ele não

esteve na Assembleia e a senha foi usada dentro da Assembleia. Quando isso acontece, zera-se a senha até que ele compareça e faça pessoalmente uma nova. Enquanto ele não comparecer e não fizer uma nova senha, vai ser inviável que se faça efetividade dos servidores [procedimento necessário para autorização do pagamento]“, detalha. A Assembleia entende que o atestado médico do deputado, que sustenta “episódios depressivos”, vale apenas para o trabalho, e não para comparecimento em audiência. Jardel não comparece ao trabalho desde a metade de outubro, mas seguia recebendo o salário, com desconto. No depoimento anterior ao marcado para hoje, a justificativa do advogado, Rogério Bassotto, foi de que ele havia viajado a Fortaleza com a avó, que teve alta hospitalar. Uma perícia médica está marcada para a próxima quarta-feira, quando médicos da

9

Procurador critica manobras do Congresso O procurador Deltan Dallagnol, um dos coordenadores da Força-Tarefa da Operação Lava Jato, disparou críticas nesta semana à postura de parlamentares que estariam articulando contra a tramitação das dez medidas contra a corrupção, na Câmara dos Deputados. Deltan diz que as manobras teriam o intuito de modificar os deputados que integram a comissão criada para tratar sobre o tema. A intenção seria derrotá-las no colegiado. “Isso é um desrespeito contra os mais de 2 milhões de brasileiros que assinaram o projeto de iniciativa popular. É um desrepeito com os 200 milhões de brasileiros que querem um processo de discussão e aperfeiçoamento legítimo no Legislativo”, disse em manifestação publicada nas redes sociais. Em entrevista ao grupo JM nesta semana, o relator das propostas, deputado Onyx Lorenzoni (DEM-RS), disse que não acredita que a manobra seja realizada. Ele afirmou que se ocorrer será um

"escândalo". "Eu não acredito que os líderes vão trocar todos os membros. Seria um escândalo internacional. Eu espero que o bom senso, a racionalidade e o compromisso com a nação prevaleçam", afirmou. A discussão do texto sobre as medidas na comissão ocorre no mesmo momento em que deputados cogitam nos bastidores a concessão de uma anistia aos crimes de caixa dois praticados até aqui. Ainda não há consenso sobre como seria o texto legal que promoveria a anistia ou em qual projeto de lei ele seria inserido. Onyx Lorenzoni descartou qualquer possibilidade de inclusão desse ponto em seu relatório. "O texto que nós apresentamos não vai ser mexido", disse. Atualmente, apesar de ser considerado uma prática ilegal, o crime de caixa dois não está claramente previsto na legislação e as punições à prática são feitas com base no artigo do Código Eleitoral que pune diversos tipos de omissão em documentos eleitorais.

Dallagnol lidera força-tarefa da Operação Lava Jato, que já teve 36 edições

Secretariado tem novos nomes especulados

Mário Jardel

Assembleia vão avaliar se ele está em condições de depor. O deputado Sérgio Turra (PP), relator da Subcomissão Processante, entende que, com a ausência desta quarta, o ato está acabado.

O Grupo JM divulgou ontem uma relação extraoficial de nomes que deverão compor o primeiro escalão do governo municipal que inicia-se em janeiro. A comissão de transição do novo governo, que discute a composição de cargos da prefeitura, ainda não definiu oficialmente a ocupação de algumas funções estratégicas. É o caso da secretaria municipal de Desenvolvimento Urbano, Obras e Trânsito, onde não há indicação concreta de nomes para assumir a pasta. Em outros locais, porém, os servidores de confiança do futuro prefeito Valdir Heck (PDT) já estão praticamente definidos, e é grande a possibilidade de alguns servidores continuarem ocupando seus postos. Na secretaria de Cultura, Desporto e Turismo, o atual titular

Sérgio Correa deve permanecer no cargo. A Coordenadoria de Compras, ligada à Secretaria da Fazenda, também deve seguir sob o comando do atual coordenador, Valter Arbo. A própria pasta da Fazenda não deve sofrer alterações, já que o atual secretário Irani Basso foi convencido a permanecer no cargo, tendo em vista sua larga experiência na função. Já a Secretaria de Administração também tem seu titular indefinido. Segundo fontes ligadas ao prefeito Valdir Heck, os empresários João Moura e Élio Quatrin estão cotados para assumir a pasta. Quatrin, que também tem seu nome ligado à Secretaria de Desenvolvimento Econômico, poderia ceder lugar a Moura e assumir a Secretaria de Administração.

cmyk


Notícias

Jornal da Manhã

Sexta-feira, 18 de novembro de 2016

ELEIÇÕES 2016

Justiça apura corrupção eleitoral em Ajuricaba

A Justiça Eleitoral confirmou um processo de investigação aberto para apurar um suposto caso de corrupção eleitoral nas eleições para o Executivo em Ajuricaba. A ação partiu de uma representação protocolada pelo candidato derrotado Orlando José Koller (PTB), aberta para investigar casos de captação ilícita de sufrágio e abuso de poder econômico em desfavor de Ivan Chagas e Everton Kirmess, da coligação Ajuricaba Unida para Renovar (PMDB/PDT/PP), eleita no município com 42% dos votos válidos. Ainda ontem, o Grupo JM confirmou a informação junto ao juiz Eduardo Giovelli, que optou por não se pronunciar oficialmente. O magistrado, no entanto, revelou que o processo está na sua fase inicial, que as partes deverão ser ouvidas e que algumas medidas foram tomadas, como a solicitação das imagens de videomonitoramento da agência do Banco Banrisul, tal qual, imagens de um posto de combustíveis do município. Giovelli ainda confirmou que deferiu um pedido do Ministério Público para que uma cópia do processo fosse enviada até a Polícia Federal, em Santo Ângelo, para que seja instaurado um inquérito policial e sejam apuradas as respectivas condutas. Segundo consta na representação protocolada ainda em outubro, a chapa liderada por Ivan

Orlando José Koller

Ivan Chagas

Chagas, eleita no município com 2.177 votos, teria supostamente montado um esquema para captação ilícita de sufrágio, tendo como foco pessoas de baixa renda. Além da compra do silêncio de eleitores, foram alegadas ainda compra de votos por parte do candidato eleito em um posto de combustíveis, um dia antes das eleições; bem como a presença do candidato, o seu vice e mais um candidato ao Legislativo, que teriam almoçado em uma escola pública do município, na companhia de alunos, entregando-lhes o plano de governo e “santinhos” da candidatura. A Justiça oficiou o município solicitando a cópia

do livro de chamada dos alunos presentes na escola municipal da Linha 13, no dia 25 de agosto. Ainda conforme a representação, eleitores procuraram o candidato Orlando e o PTB revelando "arrependimento posterior de suas condutas, pois teriam vendido seus votos", e dessa forma, teriam influenciado no resultado. A chapa eleita teve uma diferença de 68 votos para o candidato do PTB, Orlando José Koller, que obteve 2.109 (40,69%) dos votos válidos. Fechando a concorrência ficou o candidato do PT e atual prefeito Airton Cossetin, que computou 897 (17,31%) dos votos.

Maior loja da Scania é inaugurada no RS A Scania, empresa sueca fabricante de caminhões, inaugurou na última quarta-feira, em Caxias do Sul, a maior concessionária mundial da marca. O projeto foi desenvolvido pela Brasdiesel, empresa responsável por comercializar os caminhões Scania no Brasil. A cerimônia de inauguração teve a presença do governador José Ivo Sartori, empresários e autoridades locais. Ao todo, foram investidos 50 milhões na nova unidade, entre recursos próprios e financiados pelo BNDES. Localizado na Rota do Sol, o empreendimento possui 16 mil metros quadrados de área construída e conta com showroom, áreas administrativas, além de oficina com capacidade para atender 30 caminhões com implementos. "Este é um momento muito especial. Inaugurar uma unidade tão fantástica quanto esta representa

cmyk

Foram investidos R$50 milhões na nova unidade

todo o esforço que a Brasdiesel sempre dedicou à Scania desde o primeiro caminhão entregue no Rio Grande do Sul. Tenho certeza

de que aqui o cliente será tratado em primeiro lugar", afirmou o diretor geral da marca, Roberto Barral.

10

Pacote de Sartori deverá atingir todas as áreas Apesar do esforço do governo em não antecipar o conteúdo do pacote que será anunciado no próximo dia 22, a lógica ficou clara nas últimas reuniões dos secretários encarregados de arredondar as medidas: a socialização do sacrifício. O impacto será sentido nos três poderes e se estenderá a diferentes setores da sociedade, a começar pelos empresários beneficiados com isenções fiscais. O Palácio Piratini não confirma, mas segundo informações preliminares Judiciário, Assembleia, Ministério Público, Defensoria e Tribunal de Contas também serão afetados. São consistentes os indícios de que, a exemplo do Rio de Janeiro, o governo vai propor a mudança na forma de repasse do duodécimo, a parcela do orçamento que cabe aos outros poderes. Em vez do modelo atual, pelo qual toda a frustração de receita é absorvida pelo Executivo, o Rio propôs que a parcela seja calculada com base na arrecadação corrente líquida. O movimento é nacional: na esteira da crise, governadores de outros Estados deverão propor às Assembleias uma mudança na forma de distribuição do duodécimo. Aos assessores mais próximos e a deputados aliados, o governador José Ivo Sartori tem dito que não teme a repercussão negativa nem age pensando em reeleição: " Vou

José Ivo Sartori

fazer o que precisa ser feito para tornar o Estado mais eficiente e prestar um serviço melhor ao cidadão, sem gastar o que não temos". Sartori reconhece que o governo está atrasado, mas diz que foi preciso tempo para redesenhar a estrutura administrativa, estudar as funções de cada órgão e analisar a viabilidade de cada medida do ponto de vista jurídico. O conjunto de medidas será apresentado aos deputados da base aliada na segunda-feira, dia 21, e anunciado na manhã seguinte, com o impacto em termos de economia. Das 19 fundações existentes, restarão apenas 10. As secretarias a que estão vinculadas assumirão as funções das nove que serão extintas.

RS é 2º em ranking de proficiência em inglês

O Rio Grande do Sul aparece em segundo lugar no ranking do Índice de Proficiência em Inglês (EPI, na sigla em inglês), atrás apenas do Distrito Federal, no ranking elaborado pela EF Education First, empresa de educação internacional especializada em intercâmbio. O levantamento coloca o Brasil na 40ª posição, subindo em relação a 2015. De acordo com o estudo, a proficiência em inglês é distribuída de forma desigual no país, sendo que apenas o Distrito Federal e o Rio Grande do Sul atingiram a categoria “moderada”, enquanto nove Estados foram classificados em “baixa”, e em outros oito em “muito baixa”. De modo geral, a proficiência do Brasil foi classificada como “baixa”. Países vizinhos, como a Argentina, alcançaram “alta". O bom resultado dos hermanos é atribuído a uma política pública, que há uma década determinou a obrigatoriedade do inglês nas escolas. No Brasil, o ensino de língua estrangeira é obrigatório a partir do sexto ano, mas as escolas têm a liberdade de escolher o idioma. No caso do Distrito Federal,

que aparece em primeiro lugar no ranking no país, os bons resultados são atribuídos a iniciativas como programas de viagens para o exterior para alunos da rede pública de ensino, acompanhados de professores. Para o instituto que fez o estudo, falta ao Brasil um investimento maciço em educação. "Nós identificamos que países que tiveram política de ensino que inclui o inglês como uma das línguas obrigatórias a serem apreendidas pelas suas populações evoluem muito mais", destaca o especialista Luciano Timm. O EPI é um estudo anual da EF que analisa informações sobre o resultado de um teste de proficiência em inglês realizado por adultos de 18 a 60 anos pela internet. O teste é gratuito e destinado a qualquer pessoa interessada em testar seu nível de domínio da língua, ou seja, o público não é necessariamente composto de estudantes de inglês. Neste ano, os resultados de 950 mil adultos em 72 países entraram na análise. A EF deixa de fora do estudo países onde não foi possível obter uma quantidade mínima de participantes do teste.


Notícias

Jornal da Manhã

Sexta-feira, 18 de novembro de 2016

BRIGADA MILITAR

Déficit de policiais é o maior em 50 anos

Na última quarta-feira, o governo do Estado anunciou e saudou os 1,3 mil PMs oficialmente nominados que deverão estar aptos ao serviço a partir de junho de 2017. O presidente da Associação dos Cabos e Soldados da Brigada Militar (Abamf), Leonel Lucas, no entanto, voltou a criticar o Piratini devido a situação calamitosa em que a segurança como um todo, e a Brigada Militar se encontram. "Nós já viemos alertando em outras oportunidades já que esse final de ano de 2016 seria muito horrível e crítico para a Brigada Militar. Estamos beirando a aposentadoria de mais de 2,5 mil PMs ao final do ano. Não adianta, o ingresso de novos soldados não deu a metade disso", disparou. Ainda conforme alertou, o efetivo é o menor nos últimos 50 anos. Atualmente a Brigada Milita dispõe de 15 mil homens aptos a tirar serviço e auxiliar no policiamento ostensivo. Questionado sobre a situação e possíveis soluções, Leonel lembrou a necessidade de ingresso urgente de efetivo. "A segunda coisa é o que diz respeito a investimento

PLANTÃO

11

Mais um estabelecimento é arrombado em Ijuí Mais um caso de arrombamento a estabelecimento comercial chegou à Polícia Civil de Ijuí. Dessa vez, pelo menos, um homem arrombou a loja de conveniência de um posto de combustíveis localizado na Coronel Dico. As imagens do circuito interno de monitoramento devem auxiliar na identificação do autor do delito. Conforme apurou a reporta-

gem do Grupo JM, por volta das 5h de ontem o posto foi alvo de um homem com rosto descoberto. A porta da frente teve dois cadeados quebrados, além do miolo da fechadura destruído. No interior da loja o elemento furtou dezenas de carteiras de cigarro. Até o fechamento da edição, ninguém havia sido preso. Um inquérito policial deverá ser aberto para apurar a identidade do responsável.

Quadro crítico pode piorar com aposentadoria de PMs da ativa

de materiais, já que a Brigada Militar está precária. Na área de tecnologia e informação que, hoje, não temos no Rio Grande do Sul. Estamos vivendo uma inversão: o crime está organizado e a força de segurança está desorganizada", acrescentou. Por fim, lembrou ainda quem é responsável pelas novas medidas como o uso de contêiners para abrigar presos provisórios. "Isso

são pessoas que são estudiosas, a princípio, que o governo possui para fazer esse tipo de coisa. A gente fica preocupado. Ao invés de fazerem acordos com prefeituras pela construção de presídios, eles fazem isso que não vai adiantar de nada. Ninguém toma providência. Não pensam em unirem-se como Município, Estado e Federação para abrir presídios e demais vagas", pontuou.

PC deflagra operação contra o tráfico no Sul

LIBERADOS - A Brigada Militar deteve, na noite de quarta-feira, um elemento portando um televisor além de um aparelho DVD. O elemento foi conduzido até o plantão da Polícia Civil onde foi ouvido e, por entendimento do plantão, foi liberado. Conforme levantado pela reportagem do Grupo JM, não foram constatadas as vítimas do delito. Já na madrugada, em sequência, uma guarnição da Brigada Militar abordou um elemento no bairro 15 de Novembro, em posse de um ventilador. Questionado, não soube informar a procedência do objeto. Tal qual no primeiro caso, o elemento foi ouvido e liberado.

Droga apreendida tinha as cores da Bolívia com referência a "Cochabamba"

ABUSO - Um educador social de 39 anos foi preso suspeito de abusar sexualmente de duas meninas, de 7 e 8 anos, em Porto Alegre. A prisão preventiva do homem foi cumprida por agentes da Polícia Civil na manhã de ontem. O suspeito trabalha em um abrigo que acolhe crianças em vulnerabilidade social ou risco onde as vítimas recebem atendimento. As meninas passarão por exames para comprovar os abusos.

A Polícia Civil deflagrou uma operação, na manhã de ontem, contra o tráfico de drogas na cidade de Pelotas, na região Sul. Nove pessoas foram presas e outras três ao longo das investigações. Foram apreendidos dois quilos de cocaína, pequenas porções de maconha, um revólver calibre 32, telefones celulares, balança de precisão e dinheiro. Ao todo, foram cumpridos 26

Alvo da vez foi um posto de combustíveis, localizado na Rua Coronel Dico

Ciclista é atropelado e morto na BR-285 Foi sepultado no final da manhã de ontem, Dorival Gonçalves dos Santos, 61 anos. Dorival é natural de Porto Xavier e morreu atropelado no final da tarde de quarta-feira, na BR-285, em São Luiz Gonzaga. O caso é investigado pela Polícia Civil. Conforme repassado em nota pelos agentes, Dorival era morador de São Luiz Gonzaga e conduzia uma bicicleta quando foi colhido por um Chevrolet Opala, placa de São Miguel das Missões, que trafegava pela BR no sentido São Luiz/Santo Antônio.

Caso vai ser investigado pela PC

Micro da BM é usado para custodiar presos mandados judiciais na operação denominada Cerrito, sendo que 18 são de busca e apreensão e oito de prisão preventiva. A cocaína apreendida estava embalada nas cores da bandeira da Bolívia com os dizeres: "Made in Cochabamba". Na investigação, foram identificados distribuidores que mantinham vinculação entre si. Os presos foram encaminhados ao Presídio Regional de Pelotas.

A falta de vagas em presídios e a lotação de celas de delegacias em Porto Alegre faz o 21º Batalhão de Polícia Militar usar um micro-ônibus como alternativa para evitar que viaturas fiquem sem circular para custodiar presos. Segundo um dos policiais que monitora o preso no veículo, há apenas três viaturas para o policiamento da região do batalhão. Um preso é mantido no veículo desde que foi detido, na noite desta terça-feira, quando policiais constataram que ele estava foragido. Dois brigadianos fazem a custódia dele em frente

ao Palácio da Polícia, na Avenida Ipiranga. Outro homem detido por estar foragido é mantido em custódia em uma viatura da Guarda Municipal também em frente ao Palácio da Polícia. O sistema prisional gaúcho vive o seu pior momento da história. Se não bastasse o Estado do Rio Grande do Sul ser denunciado na Comissão de Direitos Humanos da Organização dos Estados Americanos (OEA) pela superlotação e péssimas condições dos presídios, principalmente o Central, com crimes comandados de dentro das galerias.

cmyk


Esporte

Jornal da Manhã

Sexta-feira, 18 de novembro de 2016

Inter empata e demite Celso Roth Celso Roth não é mais o técnico do Internacional. O treinador foi demitido ontem à noite após o empate com a Ponte Preta no Beira-Rio pela 35ª rodada do Campeonato Brasileiro. Roth não resistiu a mais um resultado negativo do time que precisava vencer para sair da zona do rebaixamento. O novo treinador deve ser anunciado hoje. O Colorado saiu vencendo, mas cedeu o empate de 1 a 1 diante da Ponte Preta.Com o resultado, o Inter chega aos 39 pontos ganhos, mesma pontuação do Vitória, mas fica apenas na 17ª colocação, pois perde para o time baiano pelo número de

gols marcados na competição. A Ponte Preta, por sua vez, tem 46 pontos e figura na 12ª colocação do campeonato nacional. O Colorado enfrenta o Corinthians domingo às 17h, em São Paulo. Depois joga contra o Cruzeiro em casa e o Fluminense fora na luta para não ser rebaixado. O Colorado abriu o marcador aos 12 minutos do primeiro tempo. Posicionado na intermediária, Valdívia encontrou Anderson pelo lado esquerdo e correu para o meio da área para completar o cruzamento com sucesso vencendo o goleiro Aranha. Sem grandes pretensões no Campeonato Brasileiro, a Ponte

Empate em São Paulo O Grêmio empatou em 1 a 1 com o São Paulo ontem à noite no Estádio Morumbi pela 35ª rodada do Campeonato Brasileiro. O Tricolor com 50 pontos é o oitavo colocado. Domingo recebe o América-MG. Desinteressado, o time gremista não jogou bem no primeiro tempo e pagou por isso. Aos 11 minutos, João Schmidt fez lançamento para Chavez que venceu Wallace Reis na corrida e com um toque curto, encobriu o goleiro Marcelo Grohe fazendo 1 a 0. Aos 41 minutos o arqueiro gremista evitou o gol de Cueva, após novo vacilo de Wallace Reis. O Tricolor gaúcho voltou com mais vontade no segundo tempo. Aos 21 minutos Douglas fez ótima assistência para Ramiro pela direita. O volante concluiu rasteiro vencendo o goleiro Denis: 1 a 1. O departamento jurídico do Grêmio conseguiu ontem no Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD), um efeito suspensivo para a punição da perda de mando de campo por um jogo,

Preta chegou ao gol de empate aos 11 minutos do segundo tempo. Em cobrança de escanteio pelo lado direito, Clayson colocou a bola na cabeça do zagueiro Antônio Carlos, que subiu livre para marcar. Nervoso em campo o Inter não conseguia criar. Depois da torcida pedir Seijas, o técnico Celso Roth colocou o meia venezuelano no lugar de Valdívia, mas era tarde. Nos contra-ataques a Ponte Preta assustou a defesa colorada. O Santos bateu o Vitória na Vila Belmiro, mas o Inter não se ajudou.

Eduardo Sasha lamenta chance desperdiçada diante da Ponte Preta

BRASILEIRÃO 35ª rodada Terça-feira,15.11 Fluminense 1 x 1 Atlético-PR Quarta-feira,16.11 Botafogo 0 x 2 Chapecoense Coritiba 1 x 0 Santa Cruz América-MG 0 x 1 Flamengo Figueirense 1 x 1 Corinthians Sport 0 x 1 Cruzeiro Ontem,17.11 São Paulo 1 x 1 Grêmio Santos 3 x 2 Vitória Atlético-MG 1 x 1 Palmeiras Internacional 1 x 1 Ponte Preta

36ª rodada Domingo,20.11 Atlético-PR x Sport-17h Cruzeiro x Santos-17h Grêmio x América-MG-17h Palmeiras x Botafogo-17h Corinthians x Inter-17h Ponte Preta x Fluminense-17h Vitória x Figueirense-19h30 Chapecoense x São Paulo-19h30 Flamengo x Coritiba-19h30 Santa Cruz x Atlético-MG-19h30 O Santa Cruz e o América-MG estão matematicamente rebaixados para a Série B em 2017.

CLASSIFICAÇÃO BRASILEIRÃO 2016

Grêmio depois de um primeiro tempo complicado, melhorou na etapa final

aplicada quarta-feira. O clube está liberado para mandar a final da Copa do Brasil dia 30 na Arena contra o Atlético-MG.

1 Palmeiras 2 Santos 3 Flamengo 4 Atlético-MG 5 Botafogo 6 Atlético-PR 7 Corinthians 8 Grêmio 9 Fluminense 10 Chapecoense 11 Cruzeiro 12 Ponte Preta 13 São Paulo 14 Coritiba 15 Sport 16 Vitória 17 Internacional 18 Figueirense 19 Santa Cruz 20 América-MG

71 67 66 61 55 52 51 50 49 49 47 46 46 45 43 39 39 34 27 27

35 35 35 35 35 35 35 35 35 35 35 35 35 35 35 35 35 35 35 35

21 21 19 17 16 16 14 13 13 12 13 13 12 11 12 10 10 7 7 7

8 4 9 10 7 4 9 11 10 13 8 7 10 12 7 9 9 13 6 6

6 10 7 8 12 15 12 11 12 10 14 15 13 12 16 16 16 15 22 22

58 56 48 57 41 36 45 37 44 47 43 44 37 39 45 45 33 29 37 21

31 31 33 45 37 32 39 38 42 52 44 51 33 37 51 51 39 44 60 52

27 25 15 12 4 4 6 -1 2 -5 -1 -7 4 2 -6 -6 -6 -15 -23 -31

Campeão olímpico interage com alunos do Pró-Vôlei O Festival de Mini-Vôlei ontem à tarde em Ijuí envolveu aproximadamente mil crianças. A instabilidade climática prejudicou um pouco as atividades do Projeto Ijuí Pró-Vôlei que acabaram sendo divididas acontecendo no campo do Complexo Poliesportivo e no Ginásio Municipal Wilson Mânica. O levantador Talmo, campeão olímpicodosJogosdeBarcelonaem 1992 com a Seleção Brasileira, foi a atração do Festival, interagindo com a garotada. "A principal mensagem que deixo aqui é de que não sabemos se estes alunos, estes meninos e meninas vão se tornar um jogador de alto nível, mas temos certeza de que se eles continuarem com este processo de caminhada, certamente teremos grandes cidadãos", falou Talmo.

cmyk

O coordenador do projeto Alex Lenz Stragliotto disse que o festival atingiu seus objetivos. "É sempre um sucesso quando temos o envolvimento das escolas, das crianças, da comunidade em si. A gente resolveu realizar mesmo com a chuva. Não alteramos a nossa programação porque no ano passado mudamos e a garotada ficou sem jogar", lembrou. Alex disse que mais da metade das crianças que compareceram ao local jogaram cerca de uma hora no gramado e a outra metade teve uma boa oportunidade depois quando o Talmo retornou para o Ginásio." Ele fez uma festa com as crianças, interagiu, deu autógrafos e até mesmo os professores ficaram satisfeitos com a mensagem que um campeão olímpico trouxe", comentou Alex Stragliotto.

Talmo, ex-jogador da Seleção Brasileira participou de integração com alunos do Pró-Vôlei

12

DE PRIMEIRA MUNICIPAL DE FUTSAL

A Coordenadoria de Esportes pretende definir hoje a data das finais do Campeonato Municipal de Futsal de Ijuí, Sênior e Veteranos. Os jogos poderão ser confirmados para a quarta-feira, 23 de novembro ou sexta-feira, 25 deste mês no Ginásio Wilson Mânica.Afumisa/ BB Som Comunicação e Mercado Darci/Bayer Scherer farão o jogo final pela categoria sênior e depois jogam Racing e Flamengo da Linha 11 Norte na decisão dos veteranos. Nas semifinais no último dia 9 foram disputadas estas partidas: no sênior, Afumisa/BB Som Comunicação 3 x 2 Amigos do Sete; e Mercado Darci/ Bayer Scherer 9 x 2 Mercado Copetti; veteranos, Racing 3 x 1 Boleiros Futsal; e Flamengo da Linha 11 Norte 2 x 2 Arsenal Baterias Goi. Nos pênaltis o Flamengo venceu por 5 a 3. O coordenador de esportes Rogério Dürks confirmou para a próxima terça-feira no Ginasião a reunião com os times que ainda estão disputando o Campeonato de Futsal, Divisão Única. Hoje será encaminhado para Junta de Justiça Desportiva o caso de agressão envolvendo as equipes do Santa Cruz e do Pré-Moldados Dreffs. Os dois times foram eliminados da competição e os atletas serão julgados pela JJD.

FUTEBOL AMERICANO

Ijuí Drones venceu o Curitiba Guardian Saints e está na semifinal da Copa Sul

O Ijuí Drones viaja hoje às 23h para Santa Catarina onde amanhã às 15h enfrenta o Criciúma Miners pelas semifinais da 4ª Copa Sul de Futebol Americano. O jogo será disputado no Estádio Pinheirão, em Forquilha, distante 20 quilômetros de Criciúma. O técnico Eduardo Mundstock tem todo o elenco à disposição. O presidente Renan Jung (Boka) disse que o time não pode cometer os erros da partida da primeira fase em Ijuí, quando os catarinenses venceram no Estádio 19 de Outubro. As duas equipes já se enfrentaram até agora em quatro oportunidades. Foram dois amistosos e duas partidas oficiais, com vitórias do Criciúma Miners. "Respeitamos o Criciúma, mas vamos buscar esta classificação com muita força e qualidade", lembrou Renan Jung.


Acontece

Jornal da Manhã

Sexta-feira, 18 de novembro de 2016

13

Canto Italiano A diretoria do Centro Cultural Regional Italiano de Ijuí, juntamente com grupo de canto Bel Vívere, promove o Prima Serata del Canto Italiano, hoje, às 19h30, nas suas dependências no Parque Municipal, com entrada franca. Trata-se de um encontro de música italiana, com participação solo e coral de pessoas de Ijuí e região. Após as apresentações será servido um coquetel por adesão, com convite ao preço de R$ 15,00, que poderá ser adquirido no local.

Canto de Luz Segue até amanhã, no CTG Clube Farroupilha, a 5ª edição do Festival Nativista Canto de Luz, com transmissão da Rádio Jornal da Manhã. Na quarta-feira, aconteceu a escolha da Fase Local. Foram classificadas as composições: Baile nos Baianos, Grupo Vocal Querência; Milonga de Couro e Osso, Volmir Coelho; Heranças, Rogério Knorst e José Ricardo Nerling e O Chimarrão e a Cadeira, José Ricardo Nerling. Na noite de ontem aconteceu a primeira noite da Fase Geral, e hoje, o show de abertura irá relembrar as composições vencedoras do Pesqueiro da Canção. Na sequência, vem a apresentação das dez composições da Fase Geral, divulgação das doze finalistas e show de encerramento com Shana Müller.

Sonora Brasil O Sonora Brasil Sesc traz a Ijuí no próximo domingo “Quebradeiras de Coco Babaçu”. Será às 20h, no Teatro do Sesc. A comunidade poderá conferir a atração gratuitamente, sendo solicitada a contribuição espontânea de um quilo de alimento não perecível. Quebradeiras de Coco Babaçu é formado por oito mulheres que trabalharam quebrando coco babaçu desde a infância e com prática do canto durante a quebra, uma experiência que trazem desde a infância, transformaram em um repertório que está diretamente relacionado à luta política.

Beleza e sucesso plus size

D

arlene Zardin, a Vice-Miss Rio Grande do Sul Plus Size, é a capa da edição de novembro da revista Stampa, que circula hoje. Ela posou para o fotógrafo Mateus Mitsuo, que registrou belas imagens de Darlene na propriedade da família, no Distrito Mauá. Casada com Ariel Zardin e mãe de Amarilis, 2 anos, Darlene também é dona de duas lojas de moda em Ijuí, a Gamboa e a Dady Plus, esta dedicada à moda plus size. O título conquistado no concurso estadual, em outubro, na cidade de Bagé, é mais um fato de sucesso em sua bem-sucedida carreira como mulher e profissional, e assim fica registrado com o merecido destaque pela revista Stampa.

Chá do Advento Na tarde de quartafeira, a Associação de Senhoras Católicas da Paróquia Nossa Senhora da Natividade de Ijuí promoveu o Chá do Advento, no Salão São Luiz. A tarde alegre e descontraída encerrou as atividades de 2016 com desfile de modas e muitas gostosuras.

Ezequiel Vetoretti, Adriano Weinnmann e Jorge Malheiros no jantar em homenagem a Amandeu Weinnmann, no Clube Ijuí

Rosângela Steffler Bertoldo e Silvia Steffler

Sirlei de Souza, Vilma Czyzeski, Andréia de Ramos, Emanuelly, Jaqueline e Clarinda Mello

Dia do Carinho Amanhã, o Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente de Ijuí promove o 5º Dia do Carinho, no Lar da Criança Henrique Liebich, com início às 14h. Entre as atrações, haverá tendas de alimentação, brinquedos infláveis, apresentações artísticas e musicais, pintura facial, personagens temáticos e mateada. A organização sugere que sejam levadas cadeiras para o local, chimarrão e garrafa térmica. O ingresso será de 1 kg de alimento não perecível, ou item de limpeza ou higiene.

Casa de Dança Hoje, às 23h, na Casa de Dança, a animação é da Banda Fênix, com repertório direcionado aos apreciadores da dança de pares, passando pelo bolero, samba, forró, sertanejo e ritmos gauchescos. O traje exigido é o alto esporte, não sendo permitido tênis, camisetas e minissaias, seguindo as normas da dança de salão. Informações pelo 3332-4378.

Natal no Shopping JB Que tal um dia diferente cheio de encanto e magia? Venha viver bons momentos no Lançamento do Natal do Shopping JB, amanhã, ao longo de todo o dia. Presença do Papai Noel durante a tarde, diversão na cama elástica, apresentação de ballet às 15h 30, entre outras atrações, além de diversas opções de presentes nas lojas. Aproveite também para fazer aquele lanchinho delicioso. Convide a família, os amigos e venha para o Shopping JB. Rua José Bonifácio, 328.

cmyk


Jornal da Manhã

Sexta-feira, 18 de novembro de 2016

NOVELAS

Gui tenta falar com Diana. Júlia reclama com Nelson sobre a desconfiança de Vanessa. Du segue Zac até a casa de Nelson e avisa a Jaílson. Gordo fica indignado com a atitude de Diana e a repreende. Chiara pede a presença da mãe e do avô em sua apresentação de balé. Nicolau marca sua internação. Alex descobre que Júlia estava com seu celular. Léo diz a Lázaro que irá procurar Diana, e o vilão manda Ramon enviar o vídeo com as declarações do cantor para ela. Júlia conta para Lorena que Alex a viu na rua e as duas ficam angustiadas. Diana descobre que a gravadora está em uma séria crise financeira. Chiara tenta falar com a mãe. Léo aparece na gravadora.

A Lei do Amor-

Globo Ciro cogita tirar a vida de Fausto Camila se encontra com Tião Bezerra. Os irmãos de Aline contam para os pais que foram vítimas dos maus tratos. Flávia avisa a Isabela que sua tia faleceu. Wesley aconselha Salete a entregar a arma do assalto para a Polícia. Helô desiste de ir morar com Pedro. Elio consegue um emprego na prefeitura. Padre Paulo conta a Yara que Aline está aterrorizando Vitória. David mostra a foto de uma garota que saiu do apartamento de Tião e Pedro e Antônio reconhecem Camila. Isabela viaja, sem esperar por Tiago. Salete ameaça denunciar Jéssica à polícia. Ciro cogita tirar a vida de Fausto.

cmyk

Residências coletivas de índios

Pôr (algo) em ordem

São a base do roteiro cinematográfico

Agatha Christie, escritora inglesa Caipira; matuto Musa da História

Principal alvo do boxeador

Destituída de curvas Ficar deprimido

Adjetivo associado à torturadora Hiato de "paetê" 2o item da data

Fazer série de pregas, na roupa "Os dois", em "ambivalente" Elemento químico de detectores de fumo

Facção religiosa Estrada, em inglês Adoçante de remédios caseiros

Desmontar (do cavalo) Músico de bateria de escola de samba Cão de caça Área jurídica

Espiridião Amin, político brasileiro

(?)-doce, Divisão ingredi- do tempo ente de geológico sabonetes

BANCO

Animal formador dos atóis Acredita Tradição matrimonial árabe

Ter novo acometimento (de doença)

Escolhida novamente para cargo público Escritor carioca de "Brida"

Prêmio da Uefa ganho por Cristiano Ronaldo em 2014

Sua Alteza Real (abrev.)

Condição do ator que interpreta vovôs Primeira palavra dita ao telefone Aquele que também é acusado (Dir.) Letra da roupa do Robin (HQ)

12

Solução

I

Nicolau marca sua internação

Ângela Vieira: a Branca na novela "Em Família"

"(?) Today", jornal cujo QG é a Virgínia

S A R

Rock Story - Globo

© Revistas COQUETEL

Pastor que matou o Tratamento em que o gigante Golias (Bíb.) agente curativo utilizado é o sangue Pertencente àquele homem Camiseta de surfistas

AutobioCantor grafia do paulista de bispo Edir "Pra Você Macedo Guardei o Amor"

M E S

Globo César flagra Alice e Mario se beijando Mario tira satisfações com Alice. Hirô se oferece para ir com Cesar para a empresa. Mario não consegue esconder de Tanaka que não terminou seu romance com Alice. Sirlene vai embora e deixa um bilhete para Lenita. Yumi decide viajar e Mieko pede para ela falar com Tanaka. Cesar se declara para Alice. Tanaka convence Gaetano a aceitar a ida de Mario para sua casa nova. João Amaro arma contra Sirlene, que sofre um acidente de carro. Cesar suspeita que Alice está escondendo. Damasceno presenteia Mieko com flores. Sirlene é socorrida por uma ambulância. Cesar flagra Alice e Mario se beijando.

U S A C H T U T A E B I A R T A E D R E S O E U R H O

Sol Nascente -

PALAVRAS CRUZADAS DIRETAS

www.coquetel.com.br

C O R A L

Compostura significa comedimento, comportamento da pessoa educada, comedida;atitude de quem sabe se portar em ocasiões determinadas. E perder a compostura é perder a elegância, perder a educação, perder a linha, fazer barraco, agir impulsivamente sem pensar... Infelizmente parece que esse comportamento tem sido comum e frequente para muitos. E quem de nós já não fez isso? Muitas pessoas costumam agir por im-

H O R E E M O G O C A T A T E S A R A A P T M I E A I R I D C O E I T C O E

COISAS DA VIDA

D N A N D A V E D I A L A J E F A C E P L I S S E I T A R O A D D R I M E L C R E C A B I E R V A R E E L P A U L O

Psicóloga Esp. em Gestão de Pessoas Especialista em Terapia Cognitivo-Comportamental

nem sempre são confiáveis, podendo lhe prejudicar depois. 4. Quando agimos impulsivamente em determinadas situações, os resultados obtidos podem ser muito diferentes do que se esperava. 5. Os impulsivos possuem maior dificuldade de lidar com situações que exigem cautela e paciência, pois quase sempre eles tomam atitudes precipitadas, sem pensar no que aquilo pode causar. Abandonar o mau hábito de sempre agir por impulso pode ser o começo para evitar perdas e frustrações na sua vida. Você certamente vai se surpreender com os bons frutos que vai colher se procurar manter a calma e refletir antes de tomar qualquer decisão ou atitude impensada. Martha Medeiros dá um recado muito bacana sobre o assunto: "Fico besta com quem perde a compostura por não gostar de algo ou alguém: tão mais simples desconectar. Não ouça, não leia, não prestigie. Dê atenção ao que tem sintonia com você. E toque sua vida, sem agredir".

3/usa. 4/clio — road — face. 5/apear — coréu. 6/lebréu. 7/plissar. 8/amerício.

Sônia Arriens Cassel

pulso, sem pensar antes de agir. O resultado não poderia ser outro: a perda da razão, além do envolvimento em sérios problemas que trazem desconforto, arrependimentos, frustrações e comprometimentos nas diferentes esferas da vida. Afinal, quem gosta de conviver com gente assim, ou seja, que perde a compostura por qualquer coisa? Aquele tipo que está sempre encrencando,agindo impulsivamente, agredindo com palavras e atitudes ou mesmo fazendo gritarias quando contrariado? Os males de agir por impulso têm seu preço. Eis alguns deles ( Mundo das Tribos): 1. A pessoa impulsiva age sem pensar. Esse ato pode gerar muitos conflitos em várias áreas das nossas vidas, seja profissional, afetiva, familiar e muitas outras. 2. Agir por impulso pode gerar desentendimentos, brigas e até rompimentos de relacionamentos. 3. Por falar sem pensar, pode ser que essa pessoa se exponha para outras que

14

Horóscopo Áries Uma boa forma de exercer o poder é através da habilidade de fazer tudo girar ao seu redor. É tempo de colher os frutos do bom uso da sua capacidade intuitiva de criação e de liderança. Touro Para obter sucesso na sua comunicação, é preciso ter calma e perseverança para se expressar. Deste modo, tudo é transmitido com mais facilidade. É tempo de ficar atento com o que é dito. Gêmeos Você entende que o melhor dos mestres é o estudo. Mas e a disciplina? Ela só vem com o trabalho. É tempo de se organizar para cumprir com as obrigações e ainda atender à curiosidade. Câncer Ao se sentir inseguro, você pode reagir de forma defensiva. Cuidado para que a língua não vá mais rápido do que a sua inteligência emocional. É tempo de evitar reagir impulsivamente às provocações. Leão Neste momento, pode ser necessário agir sem alarde, sem disputa e resolver as situações, se possível, sem ser notado. É tempo de contar apenas consigo mesmo para resolver os problemas. Virgem Dizem que a sorte não existe. Mas, neste momento, a sorte se apresenta na habilidade em perceber as grandes oportunidades em um detalhe. É tempo de perceber que você cria a sua própria sorte. Libra Ao sentir que está no caminho certo, você pode ter a sensação de que o universo se alinha e as oportunidades aparecem. É tempo de usar a sensibilidade para reconhecer as ocasiões favoráveis Escorpião Ao ser surpreendido pelos acontecimentos, é importante você ter clareza sobre o que pode atrapalhar os seus projetos. É tempo de obter informações que faltam para que você possa traçar um plano. Sagitário Existe algo que o impulsiona a atirar as suas flechas em determinados objetivos, e essa motivação vem daquilo que você acredita ser bom para você. É tempo de começar uma nova busca. Capricórnio Algumas ideias vêm com tal rapidez que nem dá tempo de acompanhá-las. É preciso organizar a mente. É tempo de aproveitar o conhecimento e não desperdiçar o seu talento. Aquário Se houver divergência de opiniões, você deve seguir firme no que faz o seu olho brilhar. Quando os problemas forem superados, não haverá mais resistência. É tempo de realizar as suas ambições. Peixes A imaginação é importante para que você possa sonhar com melhorias. O problema é quando há desilusão. É tempo de perceber que as bases são construídas quando os encantamentos se quebram.


Jornal da Manhã

Sexta-feira, 18 de novembro de 2016

GESTÃO, NEGÓCIOS & CIA

Marcelo Blume marcelo.blume@referenda.com.br

A sua causa pessoal Tenho analisado há anos como diferentes pessoas, com diferentes formações e profissões agem em relação ao seu trabalho e os consequentes resultados obtidos. Neste caso, precisamos compreender que resultados do trabalho não são apenas relativos a salários, prêmios, reconhecimentos públicos, mas também como cada um se sente em relação às atividades profissionais. Recentemente o UOL fez uma enquete sobre o sentimento em relação ao trabalho, na qual mais de 20.000 diferentes profissionais de várias partes do Brasil participaram, tendo 5% respondido que estavam muito felizes, 27% satisfeitos, 51% insatisfeitos e 17% muito infelizes. Mesmo não sendo uma pesquisa científica, uma amostra de 20.000 pessoas é altamente representativa e este tipo de resultado deve nos motivar para entender como é que tantas pessoas, no caso desta pesquisa 68%, se dizem insatisfeitas e infelizes no trabalho. Ao me deparar com profissionais que simplesmente cumprem o horário, evitam os compromissos que podem, não querem se envolver, nem saber dos resultados da sua unidade de negócios, nem da empresa, muitas vezes se dizendo insatisfeitas e infelizes no trabalho, fico me perguntando quais são as causas, os motivos para viver e trabalhar, destas pessoas. Quem está infeliz no trabalho certamente não rende todo o potencial. A questão é como é que há tanta gente insatisfeita no trabalho e o que as faz infelizes com a atividade? Quantas causas da insatisfação são externas e quantas são internas, da própria pessoa? Tenho a impressão de que as pessoas mais felizes com o trabalho foram as que fizeram da atividade profissional uma causa para contribuir com o mundo à sua maneira. Já escrevi aqui que gosto de ler e conhecer histórias de pessoas que se destacam em diferentes setores e atividades e esta diferença entre ter um trabalho ou ter uma causa é muito evidente nas pessoas que tem grandes feitos ao longo da história, nos negócios, nas profissões, na política, no voluntariado, nos esportes, na religião... Muitas pessoas que conheço gostariam de estar em níveis mais altos da hierarquia, ou em atividades mais relacionadas à sua formação, e ao que mais gostam de fazer. Algumas dizem que quando estiverem no lugar que almejam, vão se comprometer e produzir bem mais do que atualmente. Todavia, pense comigo: como é que alguém vai ser lembrado para uma promoção no trabalho atual, ser convidado ou indicado para um trabalho novo, melhor, mais valorizado, se na atividade atual, é pouco produtivo e não se destaca? O mundo via de regra acaba entendendo que se a pessoa não dá conta, não é produtiva com o que tem hoje, possivelmente não dará conta de algo maior, ou mais complexo. Como você deseja ser reconhecido/a no meio profissional? Como você está se mostrando para o mundo do trabalho? Qual é a imagem mental que os seus colegas de trabalho tem de você e passam para quem eles conversam eventualmente ao seu respeito? As respostas a estas perguntas vão definir as suas condições de você avançar ou não na carreira para uma atividade profissional mais desejada. Um abraço e até a próxima!

15

DESCONGELE SUAS IDEIAS

Projeto estimula a leitura no Câmpus O projeto Descongele suas Ideias foi trazido para a universidade e integra o Núcleo de Educação e Informação em Direitos Humanos, junto ao Programa de Pós- Graduação em Direito – Mestrado em Direitos Humanos e conta com o apoio da Unijuí. A ideia já é desenvolvida em outras cidades brasileiras. Coordenado pelos professores Maiquel Wermuth e Vera Raddatz e pela mestranda Juliana Santos, o objetivo da ação é estimular a leitura e a sensibilidade de estudantes, professores e visitantes da Universidade e caracteriza-se pela implantação de geladeiras com livros em espaços públicos do câmpus da Unijuí. O ato de lançamento do projeto se dará de modo interativo com o público, que pode acompanhar a grafitagem das geladeiras no câmpus. O trabalho artístico é executado por Pedro Benjamin Ferreira da Silva – O Chimia – de Passo Fundo, que trabalha com este tipo de arte há dois anos e executou trabalhos recentemente

em Aracaju. As geladeiras estarão distribuídas em espaços de convivência do câmpus, tanto o público da Universidade quanto a comunidade podem utilizar o material. Os livros passarão por um processo de catalogação e serão identificados como livros do projeto Descongele suas Ideias. Serão quatro geladeiras. Na porta de cada uma existe um conjunto de instruções de como utilizálas. O livro poderá ser retirado e devolvido no período de uma semana. Segundo o professor de mestrado em Direito da Unijuí, Maiquel Wermuth, serão trabalhados com livros envolvendo sociologia, filosofia, direito, literatura, voltados ao eixo dos Direitos Humanos. Toda a comunidade pode contribuir com o projeto doando livros. As doações podem ser encaminhadas à Secretaria do Mestrado em Direitos Humanos, câmpus Ijuí. “Até que a gente crie essa cultura de retirar o livro e de-

Apae realiza eleição para nova diretoria No final deste mês acontece eleição para nova gestão da Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae) de Ijuí. Poderão participar os pais e os sócio-contruibuintes da Instituição. Neste ano, será chapa única. “Fizemos uma reunião na sextafeira passada, onde no primeiro momento apresentamos para o grupo a questão da organização da Apae e também o plano de ação. A partir disso, eles começaram e elaborar melhor esse plano para o exercício de 2017 até 2019”, destaca a presidente da Apae, Marina Odete Kuss. Segundo ela, existe sempre a preocupação da diretoria anterior, de integrar alguém para tomar ciência, e aos poucos se envolver com mais ênfase para poder deliberar na próxima, visando a importância dessa sucessão. Serão dez membros da comunidade e oito pessoas que possuem filhos na instituição. “Eu tenho acompanhado gestões com bastante marca, pessoas da comunidade, agora nesses últimos seis anos nós ficamos mais com o envolvimento dos pais, mas desta vez, retorna um grupo bem forte da comunidade, e isso também é importante em função dos contatos”. A Apae está realizando Ação

entre Amigos para quitação de débitos e entrega do mandato sem ônus representativos. São oito prêmios acima de mil reais, duas viagens para a Serra Gaúcha, durante quatro dias para duas pessoas, dois Smartphones, dois climatizadores, um prêmio de mil reais e uma televisão. O valor da cartela é de R$10. Para colaborar pode entrar em contato com o telefone 3332 9932. A instituição projeta arrecadação em torno de R$ 100 mil. Cerca de 70% das despesas da Apae são cobertas por convênios, os outros 30% são buscados na comunidade. "Nós temos recursos nas três instâncias, vinculados ao governo municipal, do Estado e dos ministérios de Saúde, Educação e Assistência Social, em âmbito federal. Esses convênios tiveram reajuste nas áreas de Saúde e Educação e ainda temos alguma possibilidade de buscar negociação na área da Assistência Social, visto que os valores estão bastante defasados”, frisa Marina. A instituição tem 390 usuários, e visualiza a elaboração de um projeto na perspectiva de aumentar a infraestrutura, ampliando as salas de aula. “Nós estamos realizando em torno de 14 mil atendimentos anuais”, finaliza a presidente.

O artista Chimia é responsável pela arte das quatro geladeiras

volver, nós vamos convidar as pessoas a deixarem o seu nome e do livro retirado escrito em uma lista que estará presente nos congeladores. Mas, acreditamos e temos certeza de que as pessoas que vão se beneficiar do projeto terão essa consciência

de devolver o material retirado, preferencialmente dentro do prazo”, destaca Maiquel. As geladeiras ficarão prontas hoje. No decorrer da semana que vem já estarão abastecidas e a comunidade poderá ter acesso aos livros.

Quadra do Industrial segue inacabada Com o fim do mandato da presidência do bairro Industrial previsto para o mês de março, o presidente Manoel Machado cobra do poder público a finalização da obra da quadra de esportes. “Eles prometeram que em 90 dias terminariam a obra, para que os moradores da comunidade em geral pudessem utilizá-la. Mas, a promessa não foi cumprida e a prefeitura deve dar uma atenção maior para os bairros”, solicita. Mesmo com a estrutura danificada, ele conta que os moradores continuam utilizando o espaço para caminhadas e outras atividades. “Estamos aguardando a resposta do poder público, para saber o que eles irão fazer refe-

rente às necessidades do bairro, ainda falta terminar de cobrir os buracos que existem nas ruas”, dispara o presidente. Ele destaca que a sede do bairro já funciona com alvará definitivo, aprovado pelo Corpo de Bombeiros. A parceria com a União das Associações de Bairros de Ijuí (Uabi) facilita algumas ações em benefício da comunidade. “A Rua Carolina Raimundo sofre com a falta de iluminação, mas já contatamos a Uabi, e o Demei será comunicado para ir até o bairro verificar a iluminação pública”. Manoel Machado adianta, ainda, que no dia 18 de dezembro, a presidência do bairro realizará o Natal da Criança.

Espaço está sendo utilizado pela comunidade, mesmo sem estar liberado para uso

cmyk


www.jmijui.com.br

DESCONGELE IDEIAS

OBRA INACABADA

Presidente do bairro Industrial cobra solução do poder público para quadra de esportes que ainda não foi liberada para uso | 15

Corrupção eleitoral é investigada na região Projeto de estudantes da Unijuí prevê a distribuição de quatro geladeiras no Câmpus, contendo livros de literatura, para retirada e doações da comunidade | 15

Justiça confirma ação que apura irregularidade nas eleições para a prefeitura de Ajuricaba. | 10

COMPLICOU DE VEZ

EMPATE NO MORUMBI

Inter empatou com a Ponte Preta e segue na zona de rebaixamento do Brasileirão. Técnico Celso Roth foi demitido após novo tropeço colorado | 12

Luan, Walace, Douglas e Ramiro comemoram o gol de empate do Grêmio com o São Paulo ontem fora de casa. Tricolor reagiu no segundo tempo | 12

EDITORIAL | 6 Denunciando cada vez mais a farra de políticos com dinheiro público, o Judiciário corre o risco de passar de pedra à vidraça.

cmyk

Sitepaginas 18  
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you